Obp outubro

Page 1

ANO 88 | Nº 10 | OUTUBRO DE 2014

Mesmo não havendo uvas nas videiras; mesmo não havendo produção de alimento nas lavouras, nem ovelhas no curral nem bois nos estábulos, ainda assim eu exultarei no Senhor e me alegrarei no Deus da minha salvação. O Senhor Soberano é a minha força; ele faz os meus pés como os do cervo; ele me habilita a andar em lugares altos. Habacuque 3.17-19

Rua Elizeu Faria, 157 - 81720-130 - Curitiba - PR


EDITORIAL

O sofrimento na vida familiar

O que traz sofrimento na sua família? Ora, essa questão é muito ampla. Há muitas alternativas para respondê-la. Desde as questões básicas de sustento, segurança e saúde, passando pelas questões de autoridade, relacionamento e amparo até aquelas relacionadas ao sentido da vida e dos acontecimentos chave na vida familiar. Pode ser a falta de uma casa? Então o governo propõe: minha casa, minha vida! São soluções simples e rápidas para problemas crônicos da sociedade brasileira, muito embora o déficit habitacional continue enorme e uma grande dívida social para com os menos favorecidos. Encontramos muitos textos bíblicos que retratam em algum sentido o sofrimento na vida das famílias, mesmo aquelas que poderiam ser consideradas como exemplares, e que nem por isso estão isentas de dificuldades. Senão, vejamos: - O que provocou sofrimento no lar de Adão e Eva? Além das consequências de sua própria escolha, houve também a atitude ciumenta de um filho que, insurgindo-se contra o outro, o matou. Fratricídio! Quando a morte invade a família, causa grande sofrimento. - Quando Abraão e Sara expulsaram Agar e Ismael, mãe e filho se tornaram andarilhos no deserto, chegando ao mais profundo da miséria, quando faltou até mesmo água. Desprezo e falta do sustento mínimo para a sobrevivência certamente causam sofrimento na família. - Quando o Rei Davi adulterou com BateSeba e, para encobrir seu erro, cometeu um

assassinato, certamente provocou sofrimento na família, tanto naqueles dias como no futuro. Traição e morte certamente causam sofrimento na vida da família. - Quando os recabitas foram confrontados com oportunidade de ter benefícios se traíssem a memória de seu pai, estavam propensos a sofrer injustamente para serem fiéis. Fidelidade aos princípios pode trazer sofrimento na vida da família; nem tudo é um mar de rosas quando estamos decididos a fazer o que é correto. - Um pai que presencia a grave enfermidade de uma filha ou uma mãe que perde seu único filho certamente experimenta grande sofrimento. Também em nossos dias muitas são as causas de sofrimento na vida da família. Membros da família são diversas vezes vítimas indefesas de males que se abatem sobre as famílias. Mas também existem muitos membros que se tornam os provocadores dos sofrimentos em suas próprias famílias quando se omitem, ou xingam, ou ofendem moral ou fisicamente, quando praticam violência doméstica ou, pior ainda, quando praticam atos de pedofilia e crimes contra indefesos, causando não somente sofrimento momentâneo, mas marcas indeléveis na alma. O que fazer diante do sofrimento na família? Certamente não há uma receita a ser seguida que trará solução para todos os sofrimentos, mas podemos encontrar princípios na Palavra de Deus que nos auxiliem a enfrentar os sofrimentos familiares, tanto aqueles que sofremos como aqueles que causamos.

Novembro: Ajustando nossas famílias Finados 02 Enjumer Regional Sampa, SP 08 Dia de Educação Ministerial 09 11-13 Reunião Conselho Geral da CBB 14-16 Beach Camp Feriado: Proclamação da República 15 Reunião da JEVAM 22 Dia Nacional de Ação de Graças 27

EXPEDIENTE

2

JUFEMI

JUMAP

FBP

JEVAM

violência contra mulheres agredidas por seus cônjuges ou familiares, como é o caso da Lei Maria da Penha. Mesmo que não eliminem o sofrimento, certamente podem evitar males maiores, por isso devem ser respeitadas e acatadas. Também há sofrimentos em filhos e filhas vítimas de violência doméstica ou descaso de pais e mães, aos quais podemos minimizar com lares que acolham tais crianças e adolescentes. Nem sempre conseguiremos suprir todas as necessidades e minimizar todo o sofrimento destes pequeninos, porém não podemos ficar omissos diante da sua dor. Até os nossos próprios sofrimentos podem ser úteis para ajudarmos os outros que também sofrem. Que o Senhor nos ajude a enxergarmos o sofrimento das famílias, mas que acima disso, estejamos dispostos a ser instrumentos de Deus para minimizar sofrimentos e conduzirmos famílias sofredoras aos pés o Servo Sofredor que nos entende e nos atende em cada momento.

Pastor Samuel Esperandio Diretor Executivo da CBPSB

GRATIDÃO: Pela posse do Pr. Josué Felix da Hora na IBPioneira de Camaquã no dia 13/09; Pela Visão Estratégica do Conselho de Planejamento e Coordenação, elaborada na última reunião; Pelo Encontro de Casais promovido pela JUMAP na Serra Gaúcha; Pelo Congresso da Terceira Idade, promovido pela JUFEMI, na “capital da longevidade” (Veranópolis, RS); Pelos Encontros de Homens: Regional Centro no Acampaz, e Regionais do RS no ABP.

INTERCESSÃO: Pela Campanha de Missões da Pioneira/2014, para alcançarmos nosso alvo na oferta especial e no PAM; Pelo Congresso dos Pastores a ser realizado nos dias 13 a 17/10 na Serra Gaúcha; Pelos enfermos: - Pr. Oliveira de Araújo, pastor da PIB de Vitória (ES); - Pr. Alfredo Reinke, pastor jubilado, ex-secretário executivo da Pioneira; Pela Congregação de Tuparendi (RS) no processo de organização em igreja (Culto Especial: 19/10); Pela avaliação criteriosa que a JSS precisa fazer em virtude das mudanças na legislação do terceiro setor; Pelo mutirão para continuação das obras do Pavilhão Multiuso no ABP (Bozano, RS); Pelo prosseguimento das obras de ampliação da Faculdade Batista Pioneira; Pela elaboração do Planejamento Estratégico da Convenção pelas juntas e instituições.

Agenda da Pioneira

Pioneira (Eventos Gerais)

1º) Não negue o sofrimento e também não o aumente: às vezes sofremos mais por achar que não devíamos sofrer do que pelos acontecimentos em si; 2º) Busque causas e soluções objetivamente: às vezes ficamos tão atordoados que perdemos a objetividade e não encontramos as soluções mais simples ao nosso alcance; 3º) Reconheça quando precisa de ajuda para superar um sofrimento: há coisas sobre as quais podemos compartilhar com alguém para superar; outras, precisaremos orar para superar; mas há situações que dependeremos de ajuda, seja de alguém da nossa confiança ou um profissional – não é menos espiritual quem procura ajuda; 4º) Há sofrimentos que poderão ser vencidos com mais ou menos dedicação na busca de soluções, porém há sofrimentos crônicos sobre os quais teremos que tomar uma decisão: ou eles nos destruirão ou aprenderemos a conviver com eles, em resignação, reconhecendo nossa própria limitação e fraqueza humanas. Entregue a Deus aquele sofrimento sobre o qual você já elaborou muito, mas que não foi eliminado. Algumas medidas têm sido tomadas pelas autoridades para ajudar, por exemplo, na

JSS

Órgão Oficial de Informação da Convenção Batista Pioneira do Sul do Brasil

Outros

Presidente: Rui Osvaldo Teske Vice-Presidentes: Zaira Maria Dhein Sigmar Schmidt Milton Tehlen Pr. Jair Hein

Não deixe de acessar www.pioneira.org.br e atualize-se com as informações da sua Convenção. As suas sugestões são bem vindas!

Conselho Editorial: Pr. Claiton André Kunz Pr. Antônio Renato Gusso Roland Körber Editor Responsável: Pr. Samuel Esperandio

Secretaria: Fabiana Silvestrini Roberta Tolotti Ernst Sandra Cledi Johann Redação: Rua Elizeu Faria, 157 - casa 1 81720-130 - Curitiba, PR Fone/Fax: (41) 3284.4650 secretaria@pioneira.org.br

Revisão: BHZ Design Arte e Diagramação: BHZ Design - (51) 3024.8030 andre@bhzdesign.com.br www.bhzdesign.com.br Impressão: Mega Gráfica Editora Ltda. (41) 3598.1113 - (41) 9926.1113

A publicação é de responsabilidade da Convenção Batista Pioneira do Sul do Brasil. As matérias assinadas são de responsabilidade de seus autores e não refletem, necessariamente, a opinião do Jornal. A Redação se reserva o direito de resumir as matérias. Matérias a serem publicadas devem ser enviadas para o endereço da Redação e de preferência em CD ou por e-mail.


TEMA DO MÊS

Pioneira na Internet: www.pioneira.org.br

Crianças para Jesus: Programa de Evangelização de Crianças

Juntas com sede em Curitiba, PR Rua Elizeu Faria, 157 - casa 1 81720-130 - Curitiba, PR Fone/Fax: (41) 3284.4650 www.pioneira.org.br/jevam jevam@pioneira.org.br

Fone/Fax: (41) 3284.4650 www.jumap.org.br jumap@jumap.org.br

Fone/Fax: (41) 3376.0271 www.pioneira.org.br/jufemi jufemi@pioneira.org.br

Rua Dr. Pestana, 1021 98700-000 - Ijuí, RS Fone/Fax: (55) 3332.2205 www.batistapioneira.edu.br faculdade@batistapioneira.edu.br

Declarada de UTILIDADE PÚBLICA FEDERAL conforme Decreto de 22/11/91 pelo Diário Oficial da União em 29/07/1996. Portadora do Título de Entidade Filantrópica Rua Benjamim Constant, 339 98280-000 - Panambi, RS Fone/Fax (55) 3375.6150 www.pioneira.org.br larpanambi@tabea.org.br Rua José Bonifácio, 1623 98700-000 - Ijuí,RS Fone/Fax (55) 3332.1095 www.pioneira.org.br lartabea.iju@terra.com.br Rua Caminho do Furquim, 275 06720-250 - Cotia, SP Fone/Fax (11) 4616.1107 www.pioneira.org.br larcotia@terra.com.br Largo S. Vicente de Paulo, 1382 85900-215 - Toledo, PR Fone (45) 3277.3227 www.pioneira.org.br larirmaosdentzer@uol.com.br Rua Mercúrio, 126 09990-030 - Diadema, SP Fone (11) 4056.7775 www.pioneira.org.br nsdiadema@pioneira.org.br Rua Barão do Rio Branco, 1051 98700-000 - Ijuí, RS Fone (55) 3332.8182 www.pioneira.org.br surdos.cais@terra.com.br Rua Chile, 772 98900-000 - Santa Rosa, RS Fone (55) 3512.3504 www.pioneira.org.br espacofelizsr@gmail.com

Aproveitando que no 2º domingo de outubro é o Dia da Criança, sugerimos a leitura deste artigo publicado pela Junta de Missões Nacionais. “Algumas pessoas levaram as suas crianças a Jesus para que ele as abençoasse” (Lc 18.15a). Quando analisamos a realidade infantil brasileira, sentimos grande tristeza. Grandes índices de violência, abandono e aliciamento de menores em todas as formas nos dão um panorama dos grandes investimentos que precisamos fazer para mudar esse quadro. Precisamos trabalhar hoje, transformando a sociedade de amanhã. Por que evangelizar crianças? São diversas as razões pelas quais devemos começar um movimento de evangelização e discipulado de crianças, mas é importante ressaltar algumas: 1. Uma criança convertida tem a vida inteira para amar e servir ao Senhor Jesus. 2. Uma criança convertida tem significativamente reduzida a possibilidade de envolvimento com vícios que destroem a sua vida e apodrecem a sociedade, como o álcool, as drogas e a imoralidade. 3. Uma criança convertida abre portas importantes para a evangelização de sua família. Congressos e Treinamentos Sendo o objetivo principal do programa a conquista das crianças do Brasil, foi elaborado um plano visando à capacitação

das igrejas para a evangelização, integração e discipulado. Para uma conquista permanente de crianças para Jesus, é necessário também inseri-las no processo de educação cristã missionária, a fim de que se tornem aptas para cumprir sua missão no mundo. Crianças do Brasil salvas, e crianças salvas que se tornem crianças missionárias – este é o principal objetivo. Alvos do programa Devido à grandiosidade e relevância desse programa, esperamos mobilizar todas as igrejas batistas em solo brasileiro para que dele participem ativamente. Desejamos a participação efetiva de, no mínimo, 80% das igrejas batistas. Essas, ao relatarem os resultados à JMN, nos ajudarão a mensurar o alcance do programa. Sugerimos que cada igreja elabore seu alvo na proporção de 30% do número de membros. Nossa responsabilidade Conforme solicitado pela Convenção Batista Brasileira, a UFMBB e a JMN são responsáveis pelo planejamento do programa e mobilização das igrejas. Estas instituições divulgam as ações e providenciam a edição dos materiais que deverão ser usados. Os estados deverão oferecer os cursos para o treinamento das equipes. A igreja local tem a responsabilidade de escolher uma equipe para realizar o trabalho, enviar esta equipe para ser treinada nos cursos que serão oferecidos nos estados e nos congressos mis-

sionários realizados pela Junta de Missões Nacionais. A equipe da igreja local que foi treinada deverá realizar o trabalho. Sua responsabilidade - Mobilize o grupo de oração da igreja para que esteja intercedendo em favor das ações do programa. - Aliste uma equipe de trabalho: professores, músicos, conselheiros e voluntários para os diversos trabalhos: som, limpeza, compras, manutenção, disciplina e segurança. Todos devem participar dos cursos de treinamento oferecidos nos estados e nos congressos missionários realizados pela JMN. - Faça promoção do programa para toda a igreja através de cartazes, painéis, anúncios semanais no boletim, nos encerramentos das organizações missionárias e no início dos cultos. - Motive inicialmente as crianças matriculadas na Escola Bíblica e outras organizações da igreja. - Providencie convites próprios para distribuir entre as crianças, para que estas convidem outras crianças. - Divulgue o evento na comunidade onde a igreja local está localizada por meio de convites, cartazes e faixas. – Fonte: http://www.missoesnacionais. com.br/publicacao.asp?codCanal=11 &codigo=95&codigo_pai=13. Acesso: 23/09/2014.

3


TEMA DO MÊS

Família monoparental

Eu sou o Terceiro! Durante a nossa jornada na vida, aprendemos que o importante é ser o “número um”! Este conceito é assimilado nos esportes, nos relacionamentos, nos estudos, nos negócios, nas finanças e em toda a sociedade. Infelizmente, o desejo e ambição de ser o primeiro entrou na igreja há muito tempo, já por meio dos primeiros discípulos de Jesus. Certo dia, Tiago e João, filhos de Zebedeu, aproximaram-se de Jesus e lhe fizeram este pedido. Porém Jesus respondeu: “Não será assim entre vocês. Ao contrário, quem quiser tornar-se importante entre vocês deverá ser servo; e quem quiser ser o primeiro deverá ser escravo de todos” (Mt 20.26-27). Jesus nos ensina uma outra ordem dos fatores, uma outra prioridade, onde o melhor de tudo não é ser o Número 1, nem o segundo, mas o terceiro. Deus é o primeiro! “Ame ao Senhor teu Deus de toda a tua alma, de todo o teu entendimento” (Mt 22.37). Este é o primeiro e maior mandamento que Jesus ensinou. Isso significa amar, agradar e servir a Deus com tudo o que você tem, isto é, disponibilizando o seu trabalho, negócio, o seu tempo, o seu conhecimento, todos os seus dons e talentos do Reino de Deus. As pessoas vêm em segundo! “Semelhantemente, o segundo mandamento é: ame ao seu próximo” (Mt 22.39). Ou seja, da mesma maneira que você ama a Deus é que você deve amar as pessoas: de todo o seu coração, de toda a sua alma, de todas as suas forças. Amar o próximo significa amar as pessoas que Deus ama! Talvez você me interrompa dizendo: “Amar a Deus, tudo bem! Você não conhece meu chefe, meu funcionário, meu marido, minha esposa, meus filhos, meus cunhados, muito menos conhece a minha sogra!”. (Não precisa apresentá-la). Não importa quem eles sejam ou o que tenham feito para você no passado. Deus dá uma ordem: “Você precisa amar!”. Mas como? Aqui está a resposta: “Nada façam por ambição egoísta ou vaidade, mas humildemente considerem os outros superiores a si mesmos. Cada um cuide, não somente dos seus interesses, mas também dos interesses dos outros” (Fl 2.3-4). Quero desafia-lo a fazer uma experiência: a “Prova dos 7”. Nos últimos 7 dias, seja generoso para com o seu próximo, especialmente com o “próximo mais próximo”... seu cônjuge. Considere essa pessoa superior a você e faça tudo o que estiver ao seu alcance para agradá-la. Invista tempo, converse, ouça, tenha paciência, descubra e faça o que ela gosta. Sirva, sorria e surpreenda-a com algo inesperado e significativo: uma atividade, passeio ou presente que expresse o seu amor, gratidão, compromisso e interesse por esta pessoa. Creio que os resultados serão surpreendentes! Jesus conclui dizendo: “Ame ao seu próximo como a si mesmo” (Mt 22.39). Amar a si mesmo significa continuar cuidando, investindo e desenvolvendo o seu próprio espírito, alma e corpo. Desta maneira, tanto Deus como as pessoas serão amados e servidos, e você estará cumprindo o seu propósito de vida. Somente então, você poderá declarar, com toda a sinceridade: Eu sou o terceiro! – Pr. Mário Kaschel Simões

4

Família monoparental ocorre quando apenas um dos pais de uma criança arca com as responsabilidades de criar o filho ou os filhos. Tal fenômeno ocorre, por exemplo, quando o pai não reconhece o filho e abandona a mãe, quando um dos pais morre ou quando os pais dissolvem a família pela separação ou divórcio. Normalmente, depois da separação do casal, os filhos ficam sob os cuidados da mãe, e mais raramente, do pai. No Brasil, a família monoparental é prevista pelo artigo 226 da Constituição Federal: a família é “a comunidade formada por qualquer dos pais e seus descendentes”. As famílias formadas por um dos pais e seus descendentes organizam-se tanto pela vontade de assumir a paternidade ou a maternidade sem a participação do outro genitor, quanto por circunstâncias alheias à vontade humana, entre as quais a morte e abandono. O caso típico é o das mães solteiras: é maior a cada vez a quantidade de mulheres que vivem só por opção, mas sem abrir mão da maternidade, inclusive como forma de realização pessoal. Outra situação típica é o divórcio em que o pai assume a guarda dos filhos menores e a mãe conserva o direito de visita. Tais comportamentos se tornaram tão frequentes que mereceram a proteção do Estado como entidade familiar que são, por força da Constituição Federal, artigo 227, parágrafo 6º, também incluídos nessa categoria a mãe ou o pai que vive só com seu filho adotivo. Para fins de entendimento cumpre salientar, sejam quais forem os fatores determinantes da família monoparental, que a ausência prolongada do ascendente ou descendente (isto é, filho que vai residir em outra cidade, por alguns anos, para fins de estudo) não descaracteriza a entidade familiar. – Fonte: http://pt.wikipedia.org/wiki/Fam%C3%ADlia_monoparental – Acesso: 23/09/2014. Perguntas para reflexão: - Você conhece alguma família monoparental? - Há famílias monoparentais na sua igreja? - Que tipo de apoio existe em sua igreja para famílias monoparentais?

Encomende o Presente Diário 18 As encomendas podem ser feitas pelo e-mail: secretaria@pioneira.org.br. Valores:

Brochura personalizado Pioneira: 5,00 + frete Letra grande: R$ 9,00 + frete Surpresa para hoje (infantil): R$ 10,00 + frete Mini: R$ 3,00 + frete


FACULDADE BATISTA PIONEIRA

Palestras no Instituto Bíblico Bautista de Oberá Oberá, Argentina – Nos dias 17 e 18 de setembro, o diretor da Faculdade Batista Pioneira, Pr. Claiton André Kunz, esteve na Argentina proferindo duas palestras no Instituto Bíblico Bautista de Oberá. O contato é fruto da parceria entre as duas convenções: Convenção Batista Pioneira e Associação Germano Argentina. Durante vários anos têm acontecido encontros entre as lideranças destas duas convenções, promovendo o debate e compartilhamento de experiências. A EBM MASA, que mantém parceria com ambas as convenções, tem incentivado estes encontros e contatos. Desta vez, o diretor de nossa faculdade participou de atividades do instituto, dando duas palestras: “Las Parábolas de Jesús” e “La Hermenéutica Actual: como interpretar la Biblia en la actualidade”. Participaram, além dos alunos e professores do instituto, também pastores e membros das igrejas da região. Louvamos a Deus por esta parceria e pela possibilidade de nos ajudarmos a crescer mutuamente.

5


JUNTA FEMININA MISSIONÁRIA

ENTRE NÓS

NOTÍCIAS

Encontro da Associação Pioneiros Encontro Regional Centro 2014 Nova Ramada, RS – As mulheres da Regional Pioneiros tiveram o seu encontro no dia 30 de agosto, recebido com muito carinho pela PIB de Nova Ramada. Foi um dia muito agradável de sol com edificação e comunhão. Na parte da manhã, após as boas vindas e um período de louvor musical, a palestrante Ana Cláudia Cristal lançou um desafio a todos: “Ser Maria no mundo de Marta”. Muitas vezes, permitimo-nos andar ansiosas e agitadas por tantas coisas, mas apenas uma coisa é necessária e fundamental: aquietar-se e estar com o Senhor. Depois de alimentada a alma, chegou a hora de alimentar o físico com um delicioso almoço. Na parte da tarde, houve mais apresentações das igrejas representadas, palavra

da secretária executiva sobre os trabalhos da JUFEMI, eleição da nova diretoria da regional e testemunhos. A nova diretoria da Associação Pioneiros ficou assim constituída: Presidente: Marlise Rodrigues (Emanuel de Panambi); Vice-Presidente: Lori Gallert (Nova Ramada); Secretária: Ana Carolina Buteseke (Condor); Líderes dos Juniores: Silas Sherpinski (PIB de Santo Augusto) e Luciano Mariotti (Ajuricaba). O encontro superou as expectativas e reuniu cerca de 230 mulheres. A programação terminou naquela tarde, mas a mensagem ainda ecoa em nossas mentes: não perder o foco do que é realmente importante. Foi um dia de grandes bênçãos. Glória a Deus por isso. – Ingelid Gundt

Encontro da Regional Sul

Camaquã, RS – Aconteceu, no dia 30 de agosto, o Encontro Regional da MCA da Associação Sul em Camaquã. Foi um dia preparado por Deus para as mulheres da nossa região, um dia especial no qual fomos impactadas com a Palavra dirigida pela irmã Shirley Moreira, cujo tema era: “Espelho, espelho meu”. Deus nos tocou de forma grandiosa, fazendo com que este dia ficasse guardado em nossos corações. Dia de comunhão, dia de alegria e dia também de despedidas, pois tivemos eleições com despedida da nossa presidente, irmã Ursula Nachtigall, vice-presidente Neiva Delazeri Hilgert e secretária Eliane D. Hein. A nova liderança escolhida para o próximo triênio foram: Presidente: Shirley Moreira; Vice-Presidente: Silvani Prediger; Secretária: Vânia Carvalho. Agradecemos pelas irmãs que com toda dedicação serviram na antiga liderança e pedimos orações pelas novas que continuaram este lindo trabalho. Agradecemos também a MCA e à igreja de Camaquã que nos receberam maravilhosamente – tudo estava perfeito para honra e glória do Senhor.

ANUÁRIO 2014

TEMA 2014: FAMÍLIA, VALOR INESTIMÁVEL.

Maravilha, SC – No dia 13 de setembro, estivemos no acampamento Acampaz desfrutando da mais pura e bela companhia de nossas irmãs amadas e de nosso Senhor e Salvador Jesus. Ele se fez presente em todos os momentos de alegria, descontração, comunhão, louvor e da Palavra ministrada por nossa amada irmã Ana Claudia Christal que, usada pelo Espírito Santo, nos falou com autoridade sobre o texto bíblico que se encontra em Lucas 10.38-42. A mensagem nos apresentou a realidade de que devemos desistir de oferecer a Deus o que achamos que Ele precisa; devemos oferecer o que Ele quer: intimidade conosco. Devemos procurar usar nossa armadura de dia e não à noite (a oração e leitura da Palavra). Evitar as barrinhas de chocolate espirituais que nos afastam Dele como amigos, filhos, compras, TV e muitos mais. Manter o foco na missão que temos que é fugir dos “3 Ds” da destruição: distração, desânimo e dúvida. Um coração distraído nos afasta de Deus e nos leva ao desânimo, por isso devemos sempre lembrar, nos momentos de sobrecarga, de tudo que o Senhor nos fez e faz, lembrando que “perto está o Senhor”

Presidente Vogais:

DIVISA: “Por essa razão, ajoelho-me diante do Pai, ao qual deve a sua existência toda família no céu e na terra”. (Efésios 3.14-15) ÊNFASE: “Família, o ideal de Deus para o ser humano”.

Suplentes:

Dagmar W. Zagonel Liliane S. D. Ferraz Iris Beuter Silvana T. Gross Loni Scholl Shirley Frey Marta Hoffmann Jaqueline Preto Lúcia V. B. K. Marques

Secretária Executiva: Ana Cláudia de Almeida Christal

6

(Sl 34.18). Assim, evitamos a dúvida que é implantada em nossos corações por Satanás para nos afastar dos planos do Senhor. Devemos elevar nossos olhos para os montes, para o autor e consumador de nossa fé, deixando as “pré-ocupações” que sufocam a Palavra (Lc 8.14) e viver conforme os 3 ensinamentos de Filipenses 4.6-7. Ana Claudia nos deixou esta mensagem com o pedido de que deixemos o Senhor ajustar o foco de nossas vidas. Com louvor e agradecimento, tivemos este momento e também participamos do compartilhar dos trabalhos e aflições de cada MCA com nossa irmã que também presidiu a eleição da nova diretoria da Regional Centro, a qual ficou assim configurada: Presidente: Maria Renilde Ferreira Feldberg; Vice-Presidente: Isônia Rollwagen; Secretária: Ana Débora Moreira Fischer. Lembramos também, com gratidão, do trabalho incansável e abençoado que nossa irmã Isônia realizou com amor nestes 17 anos. Obrigada, que nosso Pai Celestial a recompense. – Maria Renilde Ferreira Feldberg

UFMB Pioneira Rua Elizeu Faria, 157 - casa 1 Xaxim - 81720-130 - Curitiba, PR Fone/Fax: (41) 3376.0271 E-mail: jufemi@pioneira.org.br CONTA BANCÁRIA CNPJ: 87.647.277/0001-99 Banco do Brasil - Ag. 2823-1 C/c 12834-1

“Tudo posso naquele que me fortalece.” (Fp 4.13)


ENTRE NÓS

JUNTA FEMININA MISSIONÁRIA NOTÍCIAS

Naquele momento os discípulos chegaram a Jesus e perguntaram: “Quem é o maior no Reino dos céus?”. Chamando uma criança, colocou-a no meio deles, e disse: “Eu lhes asseguro que, a não ser que vocês se convertam e se tornem como crianças, jamais entrarão no Reino dos céus. Portanto, quem se faz humilde como esta criança, este é o maior no Reino dos céus. Quem recebe uma destas crianças em meu nome, está me recebendo. Mas se alguém fizer tropeçar um destes pequeninos que crêem em mim, melhor lhe seria amarrar uma pedra de moinho no pescoço e se afogar nas profundezas do mar.” “Cuidado para não desprezarem um só destes pequeninos! Pois eu lhes digo que os anjos deles nos céus estão sempre vendo a face de meu Pai celeste.” Mateus 18.1-6,10

VALORES DO ACAJUMER: ES, SP, Cotia e Diadema: R$ 200,00 1ª Parcela: R$ 60,00 2ª Parcela dia 15/11: R$ 70,00 3ª Parcela dia 15/12: R$ 70,00 PR, Florianópolis, Blumenau: R$ 210,00 1ª Parcela: R$ 70,00 2ª Parcela dia 15/11: R$ 70,00 3ª Parcela dia 15/12: R$ 70,00 RS e SC (Oeste): R$ 220,00 1ª Parcela: R$ 70,00 2ª Parcela dia 15/11: R$ 70,00 3ª Parcela dia 15/12: R$ 80,00

7


8


9


JUNTA DA MOCIDADE E ADOLESCENTES DA PIONEIRA

RETIRO DE CASAIS: o anel que tu me deste... Bento Gonçalves, RS – Este ano, nosso retiro aconteceu em Bento Gonçalves nos dias 5 a 7 de setembro. Desde o início, percebemos que seria um final de semana muito especial. No sábado, tivemos a oportunidade de conhecer a cidade de Bento, quando parte dos casais foram ao passeio de Maria Fumaça, mergulhando na cultura italiana. Mas nada pode ser comparado ao banquete espiritual que Deus estava nos preparando. No sábado à tarde, fomos desafiados a conversar com nosso cônjuge, uma conversa diferente, cheia de sinceridade e cumplicidade. Deus estava nos preparando para a noite. À noite, um culto cheio de louvor a Deus, com o testemunho de um casal que foi impactante em nossas vidas, e uma palavra vinda do coração de Deus através do nosso querido Pr. Tércio. Terminamos a noite de sábado com um belo coquetel e passamos juntos “Uma noite em Veneza”. No domingo pela manhã, para encerrar nosso retiro de casais, consagramos nossas vidas e nossos casamentos a Deus novamente num culto pra lá de especial. O anel que tu me deste NÃO era vidro, NÃO se quebrou, o amor que tu me tinhas NÃO era pouco e NÃO se acabou “porque estamos firmados na rocha” (Mt 7.25). Até 2015! – Du e Pam Wincke

10


JUNTA DE EVANGELISMO E MISSÕES

Aniversário em Santa Helena Santa Helena, PR – Celebramos, em 26 de julho, o 8º ano do reinício do trabalho missionário aqui na cidade de Santa Helena. Contamos com a igreja cheia: além de visitantes, recebemos a visita do Coral Misto da IBP de Guaíra e do Ministério de Louvor de Pato Bragado. O irmão Jean Aleixo esteve conosco, representando nossa querida igreja mãe. Foi uma noite memorável, na qual pudemos relembrar também o esforço de nossos irmãos que há cerca de 30 anos atrás iniciaram pela primeira vez o trabalho missionário nesta cidade. Deus seja louvado pelo o que já fez e tem feito em nosso meio! – Pr. Marcelo Matias

JUNTA DE SERVIÇO SOCIAL

Semana Cívica no Lar da Criança Ijuí, RS – O Núcleo Social de Ijuí, programa socioeducativo do Lar da Criança Henrique Liebich, foi o responsável este ano pela organização da Semana Cívica no Lar. A programação iniciou na segunda-feira, dia 1º, com apresentação dos participantes do núcleo; na terça, a organização foi da equipe

administrativa e técnica da instituição; na quarta, das casas-lares; na quinta e sextafeira, novamente do Núcleo Social que trouxe a Banda do Colégio Sagrado Coração de Jesus para fazer duas lindas apresentações, nos períodos da manhã e tarde.

Futebol e violão em Santa Helena Santa Helena, PR – É com grande alegria que iniciamos dois novos projetos com os juniores. O primeiro é nosso time de futebol que agora saiu das telas dos games e foi para o campo de fato. O irmão Edson – que é também formado em Educação Física – tem feito este trabalho com a piazada, com o intuito de evangelizar e discipular.

O time é composto por garotos da igreja e alguns visitantes. Iniciamos também nossa primeira turma de violão, que, embora tenha começado com os juniores, está aberta de forma gratuita a qualquer interessado. Deus abençoe o irmão Edson em sua disposição para servir ao Reino.

Batismos em Joinville

Joinville, SC – No dia 14 de setembro, realizamos o primeiro batismo da congregação de Joinville. Alegramo-nos em poder compartilhar esse momento tão especial no qual 5 novos irmãos professaram a sua fé em Cristo. Com certeza, é um marco para o trabalho. O grupo tem se fortalecido e podemos ver a ação de Deus transformando vidas. Agradecemos a todos que fazem parte desse trabalho. Os batizandos, da esquerda para a direita: Jean Denisson (natural do Haiti), Jean dos Santos, Edivaldo Marinho de Melo Júnior, Franciele Ferreira de França e Helena Maria Corrêa.

Homenagem aos voluntários Ijuí, RS – O Núcleo Social de Ijuí, em parceria com o Lar da Criança, organizou um lindo programa em homenagem aos voluntários dos dois programas sociais. Atualmente, o Lar conta com 46 voluntários cadastrados via Projeto Padrinho Amigo Voluntário e Unidade Parceiros Voluntários de Ijuí, nas áreas de cuidadoras sociais e hospitalares, reforço escolar, projetos e eventos, apoio escolar, marcenaria, costura, cortes de cabelo, assessoria jurídica, assessoria em comunicação, marketing e relações públicas, tradutores, apoio na cozinha, monitor em informática e odontólogos, contribuindo para a realização das nossas

atividades. O evento aconteceu no dia 12 de setembro, sexta-feira, com início as 19 horas, nas dependências da Igreja Esperança, com apresentações diversas das crianças do Núcleo Social. Muito obrigado a todos os queridos voluntários do nosso Lar pela dedicação, empenho, comprometimento e carinho!

11


IGREJAS

IBASP celebra 88 anos

São Paulo, SP – Inveja é uma coisa feia que não se recomenda a ninguém, mas não posso lhe negar o direito a esse sentimento se você alguma vez no passado cantou no coro misto da Igreja Batista Alemã de São Paulo, recebeu um convite para se juntar a nós na festa de aniversário dos 88 anos da igreja e por alguma razão acabou não vindo. Foi um culto festivo no dia 31 de agosto, repleto de música oferecida pelo que chamamos de Coro Re-Unido – novamente unido pelos coristas atuais e todos aqueles que cantaram conosco no passado e puderam comparecer. Tivemos 54 participantes, dos quais 17 dentre os que vieram matar saudades. Outros mais estavam na plateia, ouvindo. Um evento cheio de gratidão e louvor pela bondade de Deus com seu povo, emoldurando a mensagem do Pr. Erich Luiz Leidner – hoje professor na faculdade da Pioneira em Ijuí, mas que começou seu ministério em São Paulo, incluindo nossa congregação em Diadema e mais tarde dirigindo o Lar Criança Feliz em Cotia. Baseando-se em Atos 17, ele nos lembrou que a caminhada da igreja sempre continua – de forma atuante, centralizada em Cristo e influenciando o ambiente em que vive. É isso que a IBASP deseja fazer cada vez mais. Depois de termos sido por décadas uma igreja “estrangeira”, falando um idioma que pouca gente entendia, nosso desafio é agora levar o evangelho do amor de Deus com muita ênfase à população que vive em torno de nós – um universo humano que vai desde moradores de apartamentos de alto padrão até os que moram simplesmente ao relento na rua. Como é usual em eventos como este, não pôde faltar a confraternização em torno da mesa do almoço e depois aquela sessão-nostalgia com reminiscências dos tempos passados, bem regada a muitas emoções e também boas risadas. Saímos da nossa festa reanimados para o futuro – tanto que já apareceu quem começasse a planejar para daqui a 12 anos a festa do centenário! – Roland Körber

Comemoração na igreja Leta

Bozano, RS – O dia 30 de março foi festivo para a Igreja Batista Leta de Bozano, quando nos reunimos para comemorar os seus 119 anos de atividades. A irmã Lisiane Flores leu um breve resumo sobre a história da igreja, destacando sua importância na vida dos imigrantes letos que colonizaram a Linha 11 (então município de Ijuí) no final do século XIX e início do século XX, e sua trajetória até então. Em seguida, foi feita a consagração de nosso filho Bernardo que nasceu no dia 13 de fevereiro para alegria de nossa família – os irmãos Leonardo e Gustavo, da mamãe Lisiane e demais familiares. Foi feita a leitura do texto de Nm 6.24-26: “O Senhor te abençoe e guarde; o Senhor faça resplandecer o rosto sobre ti e tenha misericórdia de ti; o Senhor sobre ti levante o rosto e te dê paz”. A oração de consagração foi feita pelo nosso amigo e irmão Jose Pedro da Silva. No mesmo dia, aconteceu o batismo do irmão Adão Reis da Silva, fruto do trabalho no qual estive à frente com Atletas de Cristo, desenvolvido no Esporte Clube São Luiz de Ijuí, e apoiado pela igreja. Com muita alegria, os irmãos acolheram o novo membro que decidiu seguir a Cristo ainda na adolescência, sentindo no coração o desejo de descer às águas batismais. Para encerrar esse dia festivo, todos confraternizaram com um almoço, desejosos que Deus continue a abençoar essa amada igreja. – Ob. Ilton Flores

12

Novo tempo em Chapecó

Chapecó, SC – A Igreja Batista Pioneira em Chapecó está se preparando para o seu novo alvo. Esse ano, até dezembro, se Deus quiser chegaremos à casa dos 160 membros e já estamos nos preparando paro o alvo proposto dentro de um planejamento estratégico de “Igrejas com Propósitos” para em 2018 terminarmos o ano com 500 membros. Este é, sem dúvida alguma, um grande sonho e a sua realização dependerá de muita oração, jejum e trabalho. Com a inauguração do primeiro andar, onde funcionará o novo templo no final deste ano, teremos maior poder de atração e espaço para acolhimento. Pedimos oração das igrejas coirmãs e fazemos votos de que convencionalmente gozemos de êxito para glória do nosso Deus.

Posse do pastor na Igreja Batista das Missões Dois Irmãos das Missões, RS – A noite do dia 23 de agosto de 2014 foi de festa, quando realizado, nas dependências da Igreja Batista das Missões, o culto de posse do Pr. Luis Vanderlei Antunes Arruda, Bacharel em Teologia pelo Seminário Teológico Batista de Ijuí (RS). O Pr. Arruda atendeu ao chamado de Deus para, juntamente com sua esposa Patrícia e seus quatro filhos, desenvolver seu ministério aqui em Dois Irmãos das Missões. Além dos membros da própria igreja, estiveram presentes representantes de diversas igrejas, tais como: Panambi, Frederico Westphalen, Santa Maria, Palmeira das Missões, Ijuí e Santo Augusto (no RS), e Mondaí (em SC), além de outros convidados de Dois Irmãos das Missões. No início da solenidade, houve a despedida do Pr. Martin Landemberger que auxiliou a igreja no momento difícil em que a mesma ficou sem pastor efetivo. Todos os líderes agradeceram com homenagens o excelente trabalho realizado pelo Pr. Martin juntamente com o presidente Josilco Oliveira Santos. Coube ao Pr. Luis Rietzel, da Igreja Batista de Mondaí, ministrar a Palavra do Senhor aos presentes com o texto de Neemias 8.1-12, destacando a importância da Palavra de Deus para a restauração da igreja, da sociedade e da nação. Durante a celebração, houve o momento da bênção e posse por meio de imposição de mãos, no qual os presentes abençoaram a vida e o ministério do Pr. Luis Vanderlei Antunes Arruda e sua família. A oração foi proferida pelo Pr. Matias Fischer, de Frederico Westphalen. A sociedade prestigiou o acontecimento com seus representantes do poder público: Prefeito Municipal e família, Vice-Prefeito e família, Secretário da Indústria e Comércio, Secretária da Educação e dois representantes do Poder Legislativo. Após as homenagens ao pastor empossado, todos os presentes foram convidados para reunirem-se no salão social da igreja, oportunizando uma confraternização entre membros e visitantes. Dessa forma, almejando glorificar e exaltar a Deus, a família Arruda assume o trabalho desta igreja objetivando restaurar e solidificar a obra que já vinha sendo edificada. A igreja, depois de um período de 8 meses de oração e súplicas em favor da vinda de um pastor efetivo, regozija-se grandemente em receber o Pr. Luis e familiares, e deseja, ao lado da amada família pastoral, levar este trabalho que visa o resgate de almas e a maturidade espiritual das vidas aqui reunidas. Com efeito, como diz o salmista, “grandes coisas fez o Senhor por nós, e por isso estamos alegres” (Sl 126.3).

Despedida do Pr. Airton Nickel Carazinho, RS – No dia 30/06/2014 foi realizado o culto de despedida do Pr. Airton Nickel e família. Após nove anos e meio de abençoado ministério, o pastor comunicou à igreja que estava aceitando o chamado para o campo missionário em Ijuí. Agradecemos ao Pr. Airton e família por toda dedicação a nós dispensada nestes anos. – Igreja Batista Boas Novas em Carazinho


IGREJAS

40 anos da PIB de Santo Augusto Santo Augusto, RS – “Respondeu-lhe Jesus: Eu sou o caminho, a verdade e a vida. Ninguém vem ao Pai senão por mim” (Jo 14.6). Estes são alguns registros de aspectos da história dos 68 anos de trabalhos: 28 como congregação e 40 anos de organização administrativa autônoma. Os primeiros batistas a chegarem em Santo Augusto, provenientes da Linha 28 (Ajuricaba), foram as famílias Krüger, Gallert e Robeck, em 1946 – portanto, há 68 anos. Estabeleceram-se na linha Speroni, atualmente distrito de Pedro Paiva. Alguns anos mais tarde chegaram, também do interior de Ajuricaba, as famílias Hepfner e Schulz. Devido à distância e dificuldade de se deslocarem para participar das atividades da igreja, os irmãos se reuniam nas casas para cultos e estudos bíblicos. Na sequência do tempo, a serraria e marcenaria de Rodolfo Hepfner e Beno Schulz passou a ser o local das reuniões, sendo os cultos e estudos bíblicos dirigidos pelo próprio Rodolfo. Devido ao crescimento gradativo de pessoas interessadas em congregar-se e saber mais sobre Deus, no final de 1954, o Pr. Oscar Horn passou a vir quinzenalmente de Ijuí para dirigir os cultos. Posteriormente, vieram também os pastores Joel Lopes, Ditmar Junge e Alfredo Reinke. Em 1964, Rodolfo Hepfner doou o terreno e serrou a madeira doada pelas famílias batistas da Vila Speroni e, com o esforço de todos, ergueu-se o primeiro templo à Rua Antônio Liberato, esquina com a Rua Paraíba (atualmente Rua Egon Hebert Köning). A história desse grupo de cristãos foi se constituindo até organizar-se em igreja. Assim, no dia 18 de agosto de 1974, a Primeira Igreja Batista de Santo Augusto deixava de ser congregação da Primeira Igreja Batista de Ijuí para tornar-se igreja autônoma administrativamente. Já em dezembro do mesmo ano, a nova igreja recebia o seu primeiro pastor, o Pr. Heinz Adolf, recém formado no Seminário Batista do Sul (Rio de Janeiro, RS). Neste período foi implementada a idéia de construção do novo templo. Em 1978, iniciaram-se as obras, e a inauguração ocorreu em 1993. Os pastores que serviram após a organização em igreja foram: Pr. Heinz Adolf (1974–1982); Pr. Helmut Rosin; Pr. Harri Waldow (1982–1986); Pr. Osvino Kistenmacher (1987–1989); Pr. Helmut Scholl (1989–1999); Pr. Arnoldo Steffens (2000–2002); Pr. Mário Oreste (2003); Pr. Egonzir Worm (2004–2006); Pr. Mário Schlemer (2007–2010) e Pr. Gilberto Andretta (2011 até o presente). A Primeira Igreja Batista de Santo Augusto tem seu templo na Rua Antônio Liberato, 99, no Bairro Getúlio Vargas. Neste local, realizam-se as programações: domingos, às 9h, Escola Bíblica Dominical (EBD) e, às 19h, culto de adoração e louvor; terças-feiras, às 15h, reunião das Mulheres Cristãs em Ação (MCA); quartas-feiras, às 19h, culto de oração; sábados, às 14h30min, atividades com os juniores, e às 20h, encontro de jovens e adolescentes. Além das atividades fixas, a igreja tem se colocado à disposição da comunidade, cumprindo a sua missão de levar a Palavra de Deus ao povo. Como pastor da Primeira Igreja Batista de Santo Augusto, no presente momento, quero dizer da minha alegria e privilégio de fazer parte dessa história, não somente entre os membros da igreja batista, mas também na comunidade de Santo Augusto e região. Creio plenamente que fui conduzido por Deus para estar aqui nesta cidade desde 12 de dezembro de 2010, quando viemos conhecer a igreja com vistas à possibilidade de pastoreio. Em comemoração aos 40 anos de organização oficial da igreja, nos dias 16 e 17 de agosto, às 19h, o Pr. Isaías Noelson Christal (Curitiba, PR), esteve nos trazendo mensagens de louvor a Deus e incentivo à igreja a perseverar na fé em Jesus Cristo, o Rei dos Reis. Salientamos que toda a comunidade está convidada para participar conosco deste momento ímpar da Primeira Igreja Batista de Santo Augusto. – Pr Gilberto Andretta

Projeto com jovens skatistas

Chapecó, SC – O mês de agosto foi um mês agitado. Os jovens assumiram toda programação e trouxeram um missionário de missões urbanas, Robert Alves. Nessa ocasião, inauguramos um projeto ministerial com jovens skatistas e o Pr. Sandro, juntamente com o missionário, realizaram palestras com uma escola pública nos três turnos com público admirável, onde o Robert pôde contar seu testemunho e orientar pais e alunos sobre o problema das drogas. Temos muito a agradecer a Deus por tudo que Ele tem feito na vida da IBPC. São portas que Ele tem aberto para que o evangelho relacional se estabeleça. Nosso alvo é 500 membros até 2018. Ousado, mas pequeno para o nosso grande Deus. Somos uma igreja com propósitos, somos uma igreja multiplicadora.

13


FALECIMENTOS

Zenon Leidner

Sibila Geiger

Panambi, RS – No exercício de Sua soberania, o nosso Senhor e Salvador chamou para as mansões celestiais o nosso pai, sogro e avô Zenon Leidner, no dia 17 de abril de 2014, com a idade de 83 anos. Nascido em 19 de agosto de 1931, em Santa Rosa (RS), filho de Erich e Erwina Luiza Leidner. Foi o irmão mais velho de suas irmãs Agnes, Jeni e Ursula. Crendo em Jesus Cristo como seu Senhor e Salvador, foi batizado na Primeira Igreja Batista de Ijuí no dia 07 de outubro de 1950 pelo Pr. Oskar Horn. Em 06 de fevereiro de 1954, casou com Irmgard Ruth Drasche Leidner, que o antecedeu na morte em outubro de 2001. Tiveram os filhos Margarete, casada com William W. Diniz; Erich Luiz, casado com Margareth Schuettel Leidner; e Andreas. Os netos são Rejane, Esther e Elizabeth, Christian e Samuel. Desde a sua juventude esteve diretamente envolvido nas igrejas por onde passou, servindo com os seus dons em diversos departamentos. Agradecemos ao Lar Tabea pelos cuidados prestados durante os anos que ali morou. O culto de despedida foi no templo da Igreja Batista Emanuel em Panambi, sob a direção do Pr. Ederson Menezes. Louvamos ao Senhor Jesus por sua vida, pelo seu exemplo de marido, pai e avô, mas acima de tudo como filho de Deus. – Pela família, Pr. Erich Luiz Leidner

“Bem aventurados os mortos que desde agora dormem no Senhor. Sim, diz o Espírito, para que descansem das suas fadigas, pois as suas obras os acompanham.” (Ap 14.13). Sibila não está morta. Ela está viva. Jesus disse: “eu sou a ressureição e a vida, quem crer em mim ainda que esteja morto viverá”. Minha querida esposa nasceu em 15 de novembro de 1943, tendo Deus a arrancado pela morte, de mim e de minha família, no dia 08 de setembro de 2014, levando-a para o reino da glória eterna onde só há gozo e alegria. Quero registrar fatos que marcaram minha vida ao lado de Sibila que foi tao especial para mim. Ela estudou no Instituto Bíblico em Ijuí e depois fez curso de especialização na Alemanha onde nós nos conhecemos. Nosso casamento aconteceu em 10 de março de 1972 em Urbach (Alemanha). Viemos para o Brasil com a finalidade de ajudar os pais de Sibila e Zidrone que estava na direção do orfanato de Monte Alvão, onde Sibila teve participação ativa na fundação. Também trabalhamos juntos na construção do novo Lar da Criança Henrique Liebich em Ijuí até 1979. Do lar, fomos iniciar um trabalho como missionários da DMG em parceria com a JEVAM na cidade de Maravilha (SC), onde juntos com os irmãos de Maravilha tivemos o privilégio de construir casa pastoral e o templo. Sibila, sempre empolgada, evangelizando, ajudando, sendo verdadeiramente uma missionária ao meu lado. Que alegria poder ver os frutos deste trabalho juntos em Maravilha. De Maravilha aceitamos um novo desafio na cidade de São Carlos (SC) onde exercemos junto um ministério por aproximadamente 5 anos. Durante este tempo também atendemos juntos os trabalhos no Acampaz. Retornamos a Maravilha por dois anos como missionários interinos; aceitamos um desafio em Aguas de Chapecó (SC) e juntos com irmãos de Planalto Alegre desenvolvemos um ministério nesta pequena cidade que se tornou nossa cidade de opção para vivermos juntos como aposentados. Em tudo isso Sibila teve grande participação: mulher de oração, de evangelização, de aconselhamento e também de uma grande espiritualidade e compromisso com o Senhor. Mesmo aposentados, ela aceitou o desafio da presidência da Igreja Batista Manancial de Águas de Chapecó, onde vinha exercendo um ministério com muita dedicação, estando envolvida com o projeto de construção do novo templo e também de Planalto Alegre no convite ao seu pastor. Sibila tinha uma profunda fé em Deus. Quando descobriu, em junho, que estava com câncer, em nenhum momento desesperou-se, pois sabia que o viver era lucro e o morrer era ganho. Durante e após cirurgia, entoava no hospital com a família o hino que era seu predileto. Ela sabia em quem cria e tinha certeza que Deus era poderoso para guardar o seu tesouro até aquele dia. Mesmo no hospital, não deixava de falar de Cristo e pôde ver ali quatro pessoas aceitando Cristo como único e suficiente Salvador. Não entrou na glória sozinha, mas viu os frutos do seu trabalho no leito do hospital. O culto de despedida foi no templo da Congregação Batista Shalom de Planalto Alegre. O templo estava cheio com amigos e irmãos, presença de autoridades e vários pastores. Foi um culto de louvor e gratidão a Deus pela vida desta grande e amada companheira que Deus me deu. Destacamos a palavra do Pr. Manoel Mastela que pregou sobre o tema “Que é a vossa vida”. Uma mensagem de profunda espiritualidade. Também quero destacar a palavra de Zidrone Liebich Moreira, representando a família que afirmou: “Deus a curou para sempre. Nunca mais terá sede e nenhuma enfermidade chegará à sua tenda”. A Convenção Batista Pioneira foi representada pelo Pr. Helmuth Scholl que trouxe uma mensagem de consolo à família. Vários pastores e irmãos de igrejas vizinhas trouxeram mensagem de grande conforto para a família. No término do culto, cantamos como família mais uma vez o hino predileto de minha esposa, que diz: “De teu cuidado terno me cercas, bom pastor. Porque, se tu ao longe estás eu fico sem vigor. Ao pé de ti desejo meu Deus, meu Pai, viver. E tua forte mão sentir a minha mão suster”. Foi um momento muito profundo. Sibila deixou três filhos: Cornelia Geiger que trabalha com idosos na Alemanha; Haniel Geiger, arquiteto, casado com Simone Geiger; Marlei Geiger, pedagoga, que lhe deu dois netos: Daniel e Lucas Werner. Também deixa saudosos irmãos, irmãs, cunhados, cunhadas, sobrinhas e sobrinhos e todos que conviveram durante muitos anos com esta serva do Senhor Jesus. Agradeço a Deus e a minha cunhada Zidrone que passou um bom tempo conosco durante a enfermidade de minha esposa e após sua morte, sempre acompanhada de seu esposo Pr. Reginaldo que tirou férias para nos ajudar nestes momentos. Agradeço em nome da família a todos que oraram, apoiaram e nos incentivaram. Queremos afirmar a soberania de Deus dizendo: o Senhor a deu, o Senhor a tomou. Bendito seja o nome do Senhor. – Com gratidão, Pr. Werner Friedrich Geiger, saudoso esposo

19.08.1931 – 17.04.2014

Tabea Schiewe

15.12.1924 – 30.06.2014 Nova Santa Rosa, PR – Agradou ao Senhor nosso Deus, em Sua infinita graça, chamar para o lar celestial, no dia 30 de junho de 2014, aos 89 anos, a nossa querida Oma Schiewe. Filha de Friedrich e Maria A. Oswald, nasceu em 15 de dezembro de 1924 em Linha República (Senador Salgado Filho, RS). No dia 1º de agosto de 1937, foi batizada segundo sua própria confissão de fé na Igreja Batista Betel em Linha Dr. Pederneiras pelo Pr. Ernst Gerstberger. No dia 22 de julho de 1944, uniu-se pelos laços do matrimônio com Alfredo Schiewe, sendo oficiante da cerimônia de casamento o Pr. Henrique Koch e Gunar Schöberg. Este casamento foi abençoado com oito filhos: Darcila, Walter, Ursula, Geraldo, Brunilde, Valdino, Waldi e Nelson. No ano de 1946, transferiam residência para Oberá (Misiones, Argentina). Em 1955, vieram para o estado do Paraná, fixando residência em Nova Santa Rosa. Não foi fácil para eles este início no meio do mato. Em 1967, Tabea perdeu seu marido em morte trágica. O Senhor a fortaleceu e, com muito trabalho e sabedoria, conseguiu sustentar e criar todos os seus filhos, inclusive gêmeos de apenas seis semanas. Acima de tudo, conseguiu levar seus filhos para o caminho da salvação: todos estão servindo ao Senhor e são ativos na igreja. Deus lhe deu a alegria de ter um filho, Valdino Schiewe, e dois netos, Edemar e Paulo Schulz, como pastores. No dia 1º de julho de 1971, filiou-se à Primeira Igreja Batista em Nova Santa Rosa, onde serviu ao Senhor até a sua morte. Nossa mãe era uma serva fiel e muito ativa na igreja, servindo ao Senhor em corais e orquestras. Era uma pessoa querida, alegre, sorridente e amada por todos. Deixa 5 filhos, 5 noras, 3 filhas, 3 genros, 21 netos, 19 bisnetos e um grande círculo de parentes e amigos. Uma nora e um genro a antecederam na morte. Teve 9 irmãos, dos quais 3 irmãs estão vivas. Queremos expressar a nossa gratidão a Deus pela vida de nossa querida Oma Schiewe que na sua simplicidade demonstrou sua coragem e determinação, pois a sua vida em muitos momentos não foram flores, mas as lutas e dificuldades nunca a desanimaram principalmente a servir ao Senhor a quem foi fiel durante 76 anos. Nós nos veremos outra vez!

Albino Luiz Nazaroff 21.06.1948 – 06.09.2014

Ijuí, RS – É difícil descrever a glória que resplandecia e o conforto transbordante no culto de despedida e de gratidão por essa preciosa vida. Nascido em 21/06/1948, era filho de Arnoldo e Brígida Nazaroff, e tinha mais 4 irmãos e 3 irmãs, uma já falecida. Casou-se em 1986 com Juçara Meggiolaro Nazaroff, de cuja união nasceram duas filhas: Cristiane e Tatiana (esta é uma das secretárias da PIBI). Foi batizado na Igreja Batista Leta, Linha 11 (Bozano,RS) em 1997 pelo Pr. Martin Landenberger. Além da esposa Juçara, deixa duas filhas, genros e uma neta. Por todo o tempo foi membro da igreja do seu batismo, cujo pastoreio, nestes últimos tempos, é exercido pelo obreiro Ilton Flores. Durante 13 anos foi o zelador da Primeira Igreja Batista em Ijuí, onde deixou as marcas de um servidor íntegro e cristão fiel. Neste culto destacaramse algumas de suas muitas virtudes: alegria, amor, dedicação, piedade e temor a Deus. Estas foram algumas de suas últimas palavras para tantos presentes em seu quarto: “Cuidem bem de suas esposas”, sendo ele um dos maiores exemplos na nobreza do trato com essa mulher notável que é a irmã Juçara. Horas antes de sua partida, ficando a sós com ele, perguntei-lhe: está pronto para encontrar-se com Cristo? Ele respondeu com a mais cimentada convicção, e solenemente, com uma só palavra: “PLENAMENTE”. No culto foram entoados dois hinos de sua predileção: “Eu só confio no Senhor” e “Céu, lindo céu”. Para o conforto da família, irmãos e amigos, Filipenses 1.21: “Para mim o viver é Cristo, e o morrer é lucro”. – Ob. Ilton Flores da Igreja Batista Leta (Linha 11) e Pr. Oswaldo Mancebo Reis da PIBI

14

15.11.1943 – 08.09.2014

O Espírito e a esposa dizem: Vem. E quem ouve, diga: Vem. E quem tem sede, venha; e quem quiser, tome de graça da água da vida. Apocalipse 22.17


ORDEM DOS PASTORES BATISTAS DO BRASIL

FAMÍLIA

Bodas de Prata de Helmuth e Delci Nienow Maravilha, SC – No dia 26 de julho, o casal Helmuth e Delci Nienow comemorou 25 anos de matrimônio. O casal recebeu os amigos e a família para um culto de gratidão na Igreja Batista Pioneira em Maravilha, dirigido pelo Pr. Valdino Schiewe. Helmuth e Delci casaram-se em 28/07/1984, em Cunha Porã (SC). Deus concedeu ao casal dois filhos: Maurício e Maicon. Que essa família continue experimentando as ricas bênçãos de Deus! – Raquel Rollwagen (secretária IBP em Maravilha)

15 anos de Cássia Ellen Maravilha, SC – Cássia Ellen Mendes Oliveira comemorou seus 15 anos em 14 de junho, reunindo os amigos e familiares. Cássia é natural de Montes Claros (MG), filha de Douglas Lebkuchen e Eloísa Mendes Lebkuchen. Atualmente reside em Maravilha, onde é membro da Igreja Batista Pioneira. O tema escolhido para essa data importante foi A PÉROLA, que também norteou a mensagem do Pr. Valdino Schiewe. Parabenizamos a adolescente, desejando sempre vê-la atuante na obra do Senhor e desfrutando das bênçãos do Altíssimo. – Raquel Rollwagen (secretária IBP em Maravilha)

E ele designou alguns para apóstolos, outros para profetas, outros para evangelistas, e outros para pastores e mestres, com o fim de preparar os santos para a obra do ministério, para que o corpo de Cristo seja edificado, até que todos alcancemos a unidade da fé e do conhecimento do Filho de Deus, e cheguemos à maturidade, atingindo a medida da plenitude de Cristo. O propósito é que não sejamos mais como crianças, levados de um lado para outro pelas ondas, nem jogados para cá e para lá por todo vento de doutrina e pela astúcia e esperteza de homens que induzem ao erro. Antes, seguindo a verdade em amor, cresçamos em tudo naquele que é a cabeça, Cristo. Efésios 4.11-15

15


TEMA DO MÊS

16


Millions discover their favorite reads on issuu every month.

Give your content the digital home it deserves. Get it to any device in seconds.