Obp novembro

Page 1

ANO 88 | Nº 11 | NOVEMBRO DE 2014

Antes, seguindo a verdade em amor, cresçamos em tudo naquele que é a cabeça, Cristo. Dele todo o corpo, ajustado e unido pelo auxílio de todas as juntas, cresce e edifica-se a si mesmo em amor, na medida em que cada parte realiza a sua função. Efésios 4.15-16

Rua Elizeu Faria, 157 - 81720-130 - Curitiba - PR


EDITORIAL

Ajustando o foco

O fim do ano está se aproximando e o novo já está apontando. Em menos de dois meses já estaremos em 2015. Os dias que restam de 2014, para a maioria de nós, certamente, serão gastos para terminarmos o que foi iniciado no decorrer do ano ou planejado para 2014. Será que vamos conseguir concluir tudo, ou parte do planejado ficará para 2015? Será que agimos bem, em todas as questões e áreas da vida, ao longo do ano? Será que, em alguns pontos, não nos desviamos do proposto? Antes de chegar dezembro, quando não há mais o que fazer, talvez ainda possamos fazer os ajustes necessários,

para podermos chegar ao fim do ano como vitoriosos. Novembro é, também, o mês em que as pessoas se lembram dos seus queridos que já partiram para a eternidade. Até criaram um dia especialmente para os mortos. Claro, não os reverenciamos, nem fazemos orações em seu favor, porque sabemos que o seu destino já está selado desde o dia que partiram. No entanto, a data é propícia para nos lembrar de que um dia todos nós partiremos. E como esse dia ainda não chegou para nós, os vivos, é oportuno fazermos uma avaliação da vida e os ajustes necessários, para não chegarmos ao fim, tendo errado o alvo.

05-06 Reunião do CPC Final do ano letivo (FBP) 12 P) Formatura da turma 2014 (FB 13 em 13-14 Conferência Lidera Jov lia Bíb Dia da 14 Feriado: Natal 25

2

Pastor Helmuth Scholl Diretor Adjunto da CBPSB

GRATIDÃO: Agradeça a Deus pelas igrejas que se engajaram na campanha de Missões da Pioneira/2014 e pelas ofertas levantadas; Agradeça a Deus por cada crente comprometido com a obra missionária; Agradeça a Deus pelas instituições da Convenção Batista Pioneira e a diferença que estão fazendo na vida das pessoas atendidas. Ore pelos ensaios e preparativos para programas especiais de Natal e fim de ano nas igrejas; Ore pelo planejamento das igrejas e juntas para o novo ano; Ore pela realização da TRANS em diversas cidades e igrejas em janeiro/2015, especialmente no RS; Ore pelos preparativos da Assembleia da CBB em fev/2015, em Gramado/RS; Ore pela diretoria e diferentes líderes que estão à frente das juntas, instituições e ministérios da Convenção.

família Dezembro: Celebrando em

EXPEDIENTE

resolva os nossos problemas e dificuldades do que em submetermos a nossa vida à Sua direção. Não é verdade? Em Provérbios 3.6 lemos: “Reconheça o Senhor em todos os seus caminhos, e ele endireitará as suas veredas”. Será que não temos alguns ajustes para fazer, também nesse item da nossa vida? Com a chegada do novo ano é hora de fazermos os ajustes necessários para que no novo ano tudo vá bem e possamos chegar ao fim, conscientes de termos alcançado nossos objetivos e alvos traçados. Assim como as empresas fazem avaliações, projetam o novo ano e fazem os ajustes necessários, também, como igrejas e individualmente, precisamos fazer os nossos. Que Deus nos conceda a Sua graça e que tenhamos a humildade para reconhecermos aquilo que não está bom em nosso coração e precisa de ajustes. Peça ao Senhor, que lhe dê a coragem e o ajude para fazer os ajustes necessários. Assim, no final, seja o final da sua vida, final do ano ou de um período, você poderá dizer com o Apóstolo Paulo: “Combati o bom combate, terminei a corrida, guardei a fé” (2Tm 4.7).

INTERCESSÃO:

Agenda da Pioneira

Pioneira (Eventos Gerais)

Em novembro, ainda, comemoramos o Dia Internacional de Ação de Graças. Esse dia é bastante comemorado nos EUA. Infelizmente, nem tanto, no Brasil. Será porque não temos motivos para agradecer a Deus, em nosso país? Será porque no Brasil tudo vai mal? Ou seria porque temos o hábito de reclamar mais do que agradecer? Será que não precisamos fazer alguns ajustes em nossa forma de encarar as dificuldades da vida? O Apóstolo Paulo disse: “Aprendi o segredo de viver contente em toda e qualquer situação, seja bem alimentado, seja com fome, tendo muito, ou passando por necessidade. Tudo posso naquele que me fortalece” (Fp 4.12b,13). Se fizermos uma avaliação em nossa vida para descobrirmos porque somos tão pouco agradecidos, certamente concluiremos que o problema está muito mais dentro de nós do que nas circunstâncias. Se procurarmos motivos para reclamar, encontraremos muitos. Mas se procurarmos razões para sermos gratos a Deus, também os encontraremos em abundância. Precisamos fazer os ajustes necessários em nosso coração para reconhecermos o quanto o Senhor tem sido bom para conosco. Se fizermos uma avaliação interior das nossas motivações, dos nossos anseios e dilemas, certamente concluiremos que muitas vezes temos agido sem considerarmos Deus como o Senhor da nossa vida. Estamos muito mais interessados em que Deus

JUFEMI

JUMAP

FBP

JEVAM

JSS

Órgão Oficial de Informação da Convenção Batista Pioneira do Sul do Brasil

Outros

Presidente: Rui Osvaldo Teske Vice-Presidentes: Zaira Maria Dhein Sigmar Schmidt Milton Tehlen Pr. Jair Hein

Não deixe de acessar www.pioneira.org.br e atualize-se com as informações da sua Convenção. As suas sugestões são bem vindas!

Conselho Editorial: Pr. Claiton André Kunz Pr. Antônio Renato Gusso Roland Körber Editor Responsável: Pr. Samuel Esperandio

Secretaria: Fabiana Silvestrini Roberta Tolotti Ernst Sandra Cledi Johann Redação: Rua Elizeu Faria, 157 - casa 1 81720-130 - Curitiba, PR Fone/Fax: (41) 3284.4650 secretaria@pioneira.org.br

Revisão: BHZ Design Arte e Diagramação: BHZ Design - (51) 3024.8030 andre@bhzdesign.com.br www.bhzdesign.com.br Impressão: Mega Gráfica Editora Ltda. (41) 3598.1113 - (41) 9926.1113

A publicação é de responsabilidade da Convenção Batista Pioneira do Sul do Brasil. As matérias assinadas são de responsabilidade de seus autores e não refletem, necessariamente, a opinião do Jornal. A Redação se reserva o direito de resumir as matérias. Matérias a serem publicadas devem ser enviadas para o endereço da Redação e de preferência em CD ou por e-mail.


TEMA DO MÊS

Pioneira na Internet: www.pioneira.org.br Juntas com sede em Curitiba, PR Rua Elizeu Faria, 157 - casa 1 81720-130 - Curitiba, PR Fone/Fax: (41) 3284.4650 www.pioneira.org.br/jevam jevam@pioneira.org.br

Fone/Fax: (41) 3284.4650 www.jumap.org.br jumap@jumap.org.br

Fone/Fax: (41) 3376.0271 www.pioneira.org.br/jufemi jufemi@pioneira.org.br

Rua Dr. Pestana, 1021 98700-000 - Ijuí, RS Fone/Fax: (55) 3332.2205 www.batistapioneira.edu.br faculdade@batistapioneira.edu.br

Declarada de UTILIDADE PÚBLICA FEDERAL conforme Decreto de 22/11/91 pelo Diário Oficial da União em 29/07/1996. Portadora do Título de Entidade Filantrópica Rua Benjamim Constant, 339 98280-000 - Panambi, RS Fone/Fax (55) 3375.6150 www.pioneira.org.br larpanambi@tabea.org.br Rua José Bonifácio, 1623 98700-000 - Ijuí,RS Fone/Fax (55) 3332.1095 www.pioneira.org.br lartabea.iju@terra.com.br Rua Caminho do Furquim, 275 06720-250 - Cotia, SP Fone/Fax (11) 4616.1107 www.pioneira.org.br larcotia@terra.com.br Largo S. Vicente de Paulo, 1382 85900-215 - Toledo, PR Fone (45) 3277.3227 www.pioneira.org.br larirmaosdentzer@uol.com.br Rua Mercúrio, 126 09990-030 - Diadema, SP Fone (11) 4056.7775 www.pioneira.org.br nsdiadema@pioneira.org.br Rua Barão do Rio Branco, 1051 98700-000 - Ijuí, RS Fone (55) 3332.8182 www.pioneira.org.br surdos.cais@terra.com.br Rua Chile, 772 98900-000 - Santa Rosa, RS Fone (55) 3512.3504 www.pioneira.org.br espacofelizsr@gmail.com

Luto em família

Só sabe o que é a dor do luto quem já passou por ela. É uma dor cruel que abala a alma e balança toda nossa vida. Um dia todos nós deveremos enfrentar esta dor e passar por ela. É terrível ser privado do convívio de alguém que amamos profundamente. Enterrar uma irmã, um irmão ou um amigo que muito amamos é algo de um sentimento muito cruel. Não é fácil enterrar um ente querido ou um amigo do peito. Não é fácil lidar com o luto. Já passamos várias vezes por esse vale de dor e sombras. Já perdemos nossos pais, irmãos, avós e sobrinhos. Sofremos amargamente. Passamos noites sem dormir e madrugadas insones. Molhamos nossos travesseiros e soluçamos na solidão do nosso quarto. A dor do luto dói na alma, aperta o peito, esmaga o coração e arranca lágrimas dos nossos olhos. Neste ano de 2014, recebemos dois grandes golpes. No início, perdemos Naomi Van der Veen; agora, em setembro, Sibila Geiger – ambas irmãs de Zidrone. Choramos e perguntamos para Deus: por quê? Quando olhamos para a realidade da morte, do sofrimento, do luto, lembramos que Jesus nos deu um exemplo de que devemos cantar com os que cantam e chorar com os que choram. Ele mesmo chorou diante do túmulo de Lázaro, e os seus discípulos compreenderam que Jesus muito o amava. O fato de termos esperança não significa que deixamos de sofrer. A vida não é indolor. Nossa caminhada neste mundo é marcada por dissabores, decepções, fraquezas, angústias, sofrimento e morte. Aqui, cruzamos desertos tórridos, descemos a vales profundos, atravessamos pântanos perigosos. Nossos pés são feridos, nosso coração é afligido e nossa alma geme de dor. Não estamos, porém, caminhando rumo a um entardecer de incertezas. O fim da nossa jornada não é um túmulo gelado, mas a bem-aventurança eterna. Entraremos na cidade celestial com vestes alvas e com palmas em nossas mãos. Como servos de Jesus Cristo choramos a dor da saudade, mas não o sentimento de perda. Sofremos porque a nossa vida terrena é marcada por momentos de sofrimento, de perda, de tristeza, de decepções, e o pior momento é quando temos que sepultar nossos queridos. Entretanto, quando sepultamos aqueles que têm fé genuína de salvação em Cristo Jesus, temos a perfeita convicção de que eles estão no céu com Cristo, antegozando a gloriosa promessa da vida eterna. E por isso não devemos deixar que o luto se arraste por toda vida. Fiquei impressionado com a afirmação de meu cunhado, o Pr. Wer-

ner Geiger, no sepultamento de sua esposa. Ele disse: “Ela não está morta. Ela está viva; aqui somente está o seu corpo.” Relembramos os últimos episódios da vida de nossa querida Sibila Geiger. Ela afirmou: “Porque para mim o viver é Cristo, e o morrer é ganho. Mas, se o viver na carne me der fruto da minha obra, não sei então o que devo escolher. Mas de ambos os lados estou em aperto, tendo desejo de partir, e estar com Cristo, porque isto é ainda muito melhor” (Fp 1.21-23). Ela tinha perfeita convicção de que o Seu Redentor vive e que ela estaria com Ele para sempre. Para o crente em Jesus Cristo que experimentou o mistério do novo nascimento, o morrer é deixar o corpo e habitar com o Senhor. É partir e viver com Cristo, o que é incomparavelmente melhor. Bem-aventurados os que desde agora morrem no Senhor. Nossa alegria e esperança está nas promessas de Jesus. Quando Jesus foi ao encontro de Maria e Marta que sofriam com a morte de Lázaro, Marta, num momento de dor, disse para Jesus: “Senhor, se estivesses aqui, meu irmão não teria morrido. Mas também sei que, mesmo, agora, tudo quando pedires a Deus, Deus to concederá. Declarou-lhe Jesus: teu irmão há de ressurgir. Eu sei, replicou Marta, que ele há de ressurgir na ressurreição, no último dia. Disse-lhe Jesus: Eu sou a ressurreição e a vida. Quem crê em mim, ainda que esteja morto viverá” (Jo 11. 21-25). É uma palavra de conforto para nós que perdemos nossos amados, a certeza que um dia estaremos todos juntos com o Senhor. Esta promessa enche o nosso coração de gozo e alegria, pois a Bíblia nos fala a respeito da morte do servo do Senhor. Eis que palavras gloriosas: 1. A morte do crente é agradável aos olhos do Senhor: “Preciosa é à vista do Senhor a morte dos seus santos” (Sl 116.15). 2. A morte do crente é ser levado pelos anjos para o seio de Abraão: “Aconteceu morrer o mendigo e ser levado pelos anjos para o seio de Abraão” (Lc 16.22). 3. Para o crente, morrer é habitar na casa de muitas moradas: “Na casa de meu Pai há muitas moradas. Se assim não fora, eu vo-lo teria dito. Pois vou preparar-vos lugar” (Jo 14.2). 4. Morrer é habitar com o Senhor: “Entretanto, estamos em plena confiança, preferindo deixar o corpo e habitar com o Senhor” (2Co 5.8). 5. É muitíssimo melhor: “Porquanto, para mim, o viver é Cristo e o morrer é lucro. Entretanto, se o viver na carne traz fruto para o meu trabalho, já não sei o que hei de escolher. Ora, de um e outro lado, estou constrangido tendo o

desejo de partir e estar com Cristo, o que é incomparavelmente melhor” (Fp 1.21-23). 6. É dormir no Senhor: “Não queremos, porém, irmãos que sejais ignorantes com respeito aos que dormem, para não vos entristecerdes como os demais que não têm esperança. Pois, se cremos que Jesus morreu e ressuscitou, assim também Deus, mediante Jesus, trará, em sua companhia, os que dormem. Ora ainda vos declaramos, por palavra do Senhor, isto: nós, os vivos, os que ficarmos até a vinda do senhor, de modo algum precederemos os que dormem. Porquanto o Senhor mesmo, data a sua palavra de ordem, ouvida a voz do arcanjo, e ressoada a trombeta de Deus, descerá dos céus, e os mortos em Cristo ressuscitarão primeiro. Depois nós, os vivos, os que que ficarmos, seremos arrebatados juntamente com eles, entre nuvens, para o encontro do Senhor nos ares, e assim estaremos para sempre com o Senhor. Consolai-vos, pois, uns aos outros com estas palavras” (1Ts 4.13.18). Consolemo-nos uns aos outros com estas gloriosas palavras: “Então ouvi grande voz vinda do trono, dizendo: Eis o tabernáculo de Deus com os homens. Deus habitará com eles. Eles serão povo de Deus e Deus mesmo estará com eles. Ele lhes enxugará dos olhos toda lágrima, e a morte já não existirá, já não haverá luto, nem pranto, nem dor, porque as primeiras coisas são passadas. E aquele que está assentado no trono disse: Eis que faço novas todas as coisas. E acrescentou: Escreve, porque estas palavras são fiéis e verdadeiras” (Ap 21.1-5). Estas gloriosas promessas têm sido a base para encararmos a morte como o passar de uma vida de tristeza para uma vida melhor com o Senhor. E esta confiança tem nos ajudado nos momentos de dor e luto a confiar na sublime providência do Senhor. Você que sofre a dor do luto, olhe para o Senhor e saiba que Ele limpará de nossos olhos todas as lágrimas. Consolemo-nos uns aos outros com estas palavras. – Pr. Reginaldo Pires Moreira e Zidrone Liebich Moreira

3


TEMA DO MÊS

Culto de ação de graças em família Nos últimos 24 meses, nossa família vêm enfrentando problemas de saúde. Além de outras histórias de doenças, a última que se destacou foi minha depressão. Nessa doença, tudo vai perdendo o sentido: a vida, a família, o ministério, o trabalho, as finanças e assim por diante. É quando viver dói. Temos por hábito, antes de dormir, ler a Bíblia com os filhos e tirar algumas conclusões práticas para a vida familiar. No entanto, fazer culto doméstico com filhos ainda pequenos às vezes é um tanto complicado. Um dos nossos filhos já orou assim: “Senhor Jesus: cura meu pai agora, eu quero que seja agora, viu? Amém”. Então ele abre seus olhinhos e olha para seu pai e ainda não vê a cura como ele gostaria de ver. O outro filho ora pedindo: “Senhor Jesus, deixa meu pai vivo até que eu e meu irmãozinho sejamos adultos. Amém.” O que descobrimos nesta trajetória de doenças e culto, muitas vezes, é conseguir agradecer a Deus apenas pelo dia que se

passou e pedir pela noite que se aproxima. Agradecer a Deus quando tudo vai bem, todos com saúde e trabalho é uma coisa. Quase poder-se-ia dizer que nem é necessário fé para estas orações de agradecimento. Contudo, agradecer a Deus quando as coisas vão de mal a pior e ainda dar respostas para as crianças porque Deus não responde logo, não é nada fácil. Estas respostas ainda devem ser no sentido que venham a aumentar e fé delas. Ao buscar uma resposta na Bíblia, percebe-se que o salmista Davi passa por várias adversidades. No Salmo 27.4, ele diz que “procura e pede uma coisa apenas ao Senhor que é viver na casa de Deus para poder contemplar a bondade de Deus”. O próximo versículo diz que “no dia da adversidade, Ele me guardará protegido em sua habitação [...]” (Sl 27.5). Mesmo na adversidade, Davi procura em Deus um lugar de proteção. Ele sabe que apesar de todo mal que possa sobrevir, Deus ainda é maior

e nunca perde o controle da situação. Ao olhar para o Novo Testamento, o sofrimento continua presente, mas com um objetivo bem claro. Pedro explica que devemos nos alegrar quando sofremos, pois assim estamos participando dos sofrimentos de Cristo. Ninguém deve sofrer como malfeitor, mas se tiver que passar por algum tipo de sofrimento, então que seja por ser cristão fazendo a vontade de Deus (1Pe 4.12-19). O autor aos Hebreus explica de forma igualmente clara que as pessoas que sofrem são disciplinadas por Deus para ser participantes da sua santidade (Hb 12.1-13). Você já parou para pensar o que significa ser participante da santidade divina? Deus no livra de toda acusação que pesa contra nós. É o maior privilégio que um cristão pode receber da parte de Deus. Mesmo que uma família esteja numa situação difícil, ainda assim poderá agradecer a Deus pela sua bondade e misericórdia. Sempre há algum fato novo com o qual Deus nos

A erotização da sociedade e as crianças

A erotização, palavra que vem do grego eros, pode ser vista muito facilmente na sociedade contemporânea. Seria o mesmo que dizer que a sociedade está sexualizada ou que quase tudo o que se faz está de alguma forma ligado ao erótico, isto é, a sexo. Pode-se perceber a erotização em estabelecimentos comerciais. Ao entrar em um posto de combustível, normalmente a primeira mercadoria visível à venda são revistas pornográficas. O segundo tipo de mercadoria em exposição para comércio são os preservativos, igualmente ligados ao erótico e, posteriormente, ainda há inúmeras marcas de cigarros e bebidas alcoólicas. A mesma regra vale para estabelecimentos como supermercados e farmácias, para estas com exceção das últimas duas mercadorias. Nesse sentido, o Art. 78 do ECA orienta: “As revistas e publicações contendo material impróprio ou inadequado a crianças e adolescentes deverão ser comercializadas em embalagem lacrada, com advertência do seu conteúdo”. Parágrafo único: “As editoras cuidarão para que as capas que contenham mensagens pornográficas ou obscenas sejam protegidas com embalagem opaca”. Ainda se podem citar as propagandas midiáticas. Estas vão desde propaganda de lata vazia passando por marcas de chinelos e cervejas até chegar

4

aos automóveis, tudo com destaque especial para a erótico. Algumas programações de TV contêm cenas de sexo, impróprias para crianças e adolescentes. Lembrando ainda que crianças com menos de 14 anos trabalham em programas televisivos, o que é proibido por lei. As mesmas ainda são submetidas a forte pressão psicológica em seus papéis como atores, como por exemplo a separação dos seus “pais” (atores). A estas ainda podem ser acrescentados os desfiles e festas de carnaval que também são realizados sob conotação erótica. Mesmo em ambientes públicos, as roupas femininas denotam o máximo de sensualidade. Normalmente, as modas femininas são ditadas pela compreensão masculina porque o homem se apaixona pelo que vê. Assim, cria “ambientes” favoráveis aos seus olhos. Contudo, a mulher se acha no exercício da sua liberdade, o que não deixa de ser utopia, pois a moda é ditada pela elite erótica masculina. Logo, a mulher, ao pensar que está exercendo a sua liberdade, na verdade está sendo escravizada por aquilo que pensa ser liberdade. Um exemplo prático a ser citado neste sentido é o apelo erótico feito pelo jornalista David Coimbra no jornal Zero Hora do dia 09 de maio de 2014: “Festas com mulheres dançando nuas: sim! Sim! Dancem nuas, mulheres. Dancem nuas, meninas de Porto Alegre, do Rio Grande e do Brasil. Dancem nuas e mostrem que o mundo pode

ser um lugar divertido de se viver”. As crianças, meninas e mulheres sofrem com a exploração sexual. Aliás, para proteger as meninas foi elaborada a Lei nº 8.069/90 – Estatuto da Criança e do Adolescente. A elaboração desta lei deveu-se exatamente à necessidade de proteger as crianças e meninas da exploração e do abuso sexual, entre outros. Este breve artigo sinaliza que o Brasil é um país com fortes conotações eróticas. Pesquisas sobre o assunto apontam que o país ocupa o 4º lugar no ranking de material pornográfico, com pelo menos 1.210 endereços na Internet. Um dos nichos desse material refere-se à pornografia infantil, com o intuito de abastecer o mercado pedófilo. Enquanto a erotização da sociedade aumenta, pais e mães estão preocupados em como educar seus filhos para que não sejam prejudicados em suas vidas como um todo. Diversos segmentos da sociedade também estão empenhados em combater a exploração sexual e proteger as crianças. Dentro desta cultura erótica consumista e socialmente “aceita”, chega-se ao grau máximo de exploração do erótico quando uma moça coloca sua virgindade à venda: uma catarinense de 20 anos fez isso por 780.000 dólares. Esse fato mostra que estamos mudando de uma “economia de mercado para uma sociedade de mercado” (Revista Veja. 21 nov. 2012. p. 75). A essa perspectiva

surpreende dentro das nossas fraquezas e limitações de compreensão da Sua soberania. Devemos realizar nossos cultos domésticos ou em família agradecendo até mesmo pelo sofrimento que passamos. O agradecimento produz em nós uma visão espiritual sobre o momento que estamos vivendo. Portanto, por mais pessimista que uma situação seja em família, ore agradecendo a Deus. Aquele que ora tem uma visão maior e vai mais longe porque na oração, ao conversar com o Pai celestial, ele é usado pelo Pai para ser instrumento de resposta às orações, agindo em favor daquele que sofre. No dia 27 de outubro celebramos o Dia Nacional de Ação de Graças. Aproveite este dia para reforçar seu culto em família agradecendo todas as bênçãos que Deus tem derramado em sua família. O fato de ler a Bíblia em família no diaa-dia une todos em torno de um momento espiritual, que aproxima cada um de Jesus, fortalece nossa fé, dá orientações claras para a vida. Família agradecida é diariamente fortalecida pelo Senhor Jesus. – Pr. Vanderlei e Aline Schach somam-se os programas do tipo Big Brother Brasil, onde a vulgaridade e a exibição explícita da imoralidade trazem audiência, mas nem sempre bem aceita pelo público; na mesma direção encontram-se músicas com letras como: “Nem precisa de motel”, de Guilherme Vallin, que rodam nas emissoras, sem censura. Muito da erotização acontece em nome da liberdade, defendida pelos adultos, mas sem pensar nas consequências negativas para as crianças. Assim, sem perceber, estamos inseridos numa sociedade pluralista em que vários segmentos filosóficos disputam a atenção. Em relação à igreja, cabe aqui desafiá-la a expor também suas opiniões de forma contextualizada para assegurar a proteção da criança e do adolescente. O III Congresso de Lausanne, em relação à criança, definiu que devemos assumir o compromisso de “expor, resistir e agir contra toda e qualquer forma de abuso contra as crianças, seja violência, exploração, escravidão, tráfico, prostituição, sexo e discriminação étnica, alvo publicitário e negligência intencional”. Isto é um pouco da realidade em que nossas crianças vivem e se desenvolvem. Portanto, temos que orar e agir urgentemente para proteger nossas crianças. – Dr. Vanderlei Schach (Este artigo foi extraído da minha tese de doutorado sob o títitulo: Crianças em situação de vulnerabilidade: o trabalho de Henrique e Frieda Liebich como referência inspiradora para o cuidado social)


FACULDADE BATISTA PIONEIRA

Evangelização via Relacionamentos

Evangelizar é tarefa de todos aqueles que conheceram o amor de Deus e tiveram uma experiência real com Cristo. Algumas pessoas possuem o dom de evangelismo, e o fazem com grande facilidade. Mesmo assim, todos, sem exceção, devem envolver-se nesta tarefa. Mas nem sempre sabemos exatamente como fazê-lo. Que estratégias devo utilizar? Quem devo abordar? Como devo abordar? Estas são algumas perguntas que foram tratadas em duas palestras proferidas pelo doutor David Bledsoe, para os alunos da Faculdade Batista Pioneira. O Dr. Bledsoe é missionário americano e é autor de um livro chamado “Evangelização via Relacionamentos”, no qual trata o tema de forma objetiva e muito prática. O treinamento aconteceu no templo da Congregação Batista Pioneira Esperança, nos dias 25 e 26 de setembro. Além dos alunos e professores da faculdade, participaram membros de várias igrejas da região. Nossa oração é que Deus desperte evangelistas em nosso meio e que todos criemos a consciência de que precisamos proclamar as boas novas da salvação. Aproveitar os relacionamentos que já temos, enfatizando este acesso que temos a estas pessoas, é uma das estratégias mais eficientes para a evangelização. Criar novos relacionamentos e compartilhar com estas pessoas o evangelho é igualmente importante e necessário. Que Deus nos abençoe nesta missão.

RETIRO VOCACIONAL 2014 Entre os dias 27 e 28 de setembro ocorreu o 6º Retiro Vocacional. Este, novamente foi realizado com a metodologia do ano anterior: parte da programação no Campus da Faculdade Batista Pioneira e parte no ABP. Os participantes, que eram praticamente 60, assistiram na parte da tarde de sábado às aulas sobre as temáticas de Louvor e Adoração, Ministério Pastoral, Evangelhos e Doutrinas Bíblicas, e puderam ainda conhecer toda a estrutura que a faculdade dispõe para seus alunos. Na noite de sábado, no ABP, participaram de momentos de celebração e de meditação sobre a grandeza e seriedade do chamado de Deus a partir da vida do profeta Jonas, através da mensagem compartilhada pelo Pr. Claiton André Kunz. O desafio de não fugir de Deus mexeu com a vida de todos que estavam lutando com esta realidade. Já na manhã de domingo, o dia começou com uma meditação trazida pelo Pr.

Mês da Criança para os alunos

O mês de outubro sempre revela inúmeras oportunidades de trabalho com crianças e alunos das escolas da região. Já os alunos da Faculdade Batista Pioneira, embora já tenham ultrapassado a fase da infância há um bom tempo, aproveitam a data para se divertir e também compartilhar do grande amor de Deus por todas as pessoas. Neste ano, a antiga Cantata da Momô foi adaptada e transformada no musical infantil “As Duas Florestas”. Neste musical, questões de bullying, preconceito e violência são tratados segundo a perspectiva das Escrituras numa linguagem que toda criança consegue compreender. Além do musical, muitos alunos tiveram oportunidade de se envolverem em trabalhos de Capelania Escolar que são desenvolvidos por igrejas da região e que, pelo destaque que o mês de outubro tem para estes trabalhos, procuraram oferecer uma programação diferenciada aos alunos das escolas através dos estudantes de teologia da Faculdade Batista Pioneira. Foram várias apresentações e participações em Ijuí, Panambi, Augusto Pestana e Santo Augusto, atingindo centenas de crianças das mais variadas faixas etárias e das mais diferentes escolas. Para os alunos da Faculdade, a oportunidade de realizar esta Capelania Escolar, o contato com as crianças, o desenvolvimento dos seus dons e talentos e a interação com todos os integrantes do musical e equipes de trabalho, são experiências indescritíveis e que acarretam valor à sua formação, deixando-os preparados a também realizarem trabalhos na sociedade em que as igrejas estão inseridas. Não somos crianças, mas comemoramos o Mês da Criança com muito trabalho e proclamação da Palavra de Deus.

Erich Luiz Leidner, acompanhada por explicações concernentes ao curso de Teologia e à vida no campus da Faculdade Batista Pioneira. Ver as orações acerca de trabalhadores para a seara (Mt 9.37-38) se concretizando diante dos nossos olhos é uma dádiva que não tem preço. Deus tem levantado com grande frequência pessoas que queiram doar as suas vidas em prol do Reino de Deus. Devemos orar por elas para que compreendam com exatidão o que Deus espera das suas vidas.

5


JUNTA FEMININA MISSIONÁRIA

ENTRE NÓS

NOTÍCIAS

Encontro da Regional Tchê!

Passo Fundo, RS – No dia 27 de setembro, na AABB em Passo Fundo, reuniram-se as MCAs integrantes da Regional Tchê. O tema foi “Encontro de Gerações”, baseado em Tito 2: “As mulheres idosas, semelhantemente, que sejam sérias no seu viver (...) para que ensinem as mulheres novas a serem prudentes (...), a fim de que a palavra de Deus não seja blasfemada”. Contou com a participação de aproximadamente 300 mulheres de todas as idades. Na parte da manhã, além do louvor, tivemos a participação da líder das Fémeninas (Martinha) e o compartilhar de experiências das 11 MCAs participantes. À tarde, com a ministração e louvor da cantora Marcela Taís, tanto as meninas como as mulheres foram muito abençoadas! A equipe da MCA de Passo Fundo esmerou-se em todos os detalhes para favorecer às MCAs da Regional Tchê com um dia muito especial, ocasião em que todas as gerações estiveram reunidas buscando e compartilhando da presença de Deus. Alguns comentários de participantes confirmam o quanto o dia foi maravilhoso:

ANUÁRIO 2014

Encontro Regional Iguaçu Norte I

“O encontro estava maravilhoso!!! Agradecemos a Martinha e a Marcela Taís pelas sábias palavras ao nosso coração e mente!!! Passo Fundo, parabéns pela organização!! Estamos de LUTO, mas estamos orando para que nossas meninas e todas as gerações permaneçam firmes no nosso Deus, confiantes em suas promessas e atentas ao coração dessa nova geração!” (Maisa, IBBNCarazinho) “Esse encontro em especial foi maravilhoso, participamos com um grupo expressivo de mulheres, sendo 27 da nossa igreja. Aprendemos muito com a Martinha e o romantismo da Marcela Taís. O testemunho dela foi lindo.” (Silvana Zirbes, Glória de Carazinho) “Nosso Encontro Regional Tchê – Encontros de Gerações foi uma benção! Agradecemos a Deus e também a cada irmã que orou e que se empenhou em reunir sua turma para participar. Sabemos que muitas foram abençoadas com aquelas palavras tão desafiadoras e que nos fizeram refletir em vários aspectos de nossa vida.” (Marisa Muller, Glória de Carazinho) “Momento de aprendizado, em que mulheres tiveram momentos preciosos de comunhão. Parabéns a toda equipe que se esmerou na programação, desde a recepção, o louvor, na ministração da palavra com a participação da Martinha e Marcela Taís. Gratidão e louvores a Deus pelo cuidado em nossas vidas.” (MCA de Sarandi) “Recebermos as irmãs da Regional Tchê em nossa cidade, foi muito gratificante, pois todo o preparo e cuidado para fazermos o melhor para Deus trouxe grande Unidade à igreja. Agradecemos a Deus e a Ele damos toda a honra e a glória. Agradecemos a todas as irmãs e irmãos que contribuiram para que esse dia fosse inesquecível. Que Deus possa usar mulheres de todas as gerações para levar e honrar a sua palavra!! (Liliane Ferraz, líder da MCA de Passo Fundo)

TEMA 2014: FAMÍLIA, VALOR INESTIMÁVEL.

Toledo, PR – O dia 16 de agosto de 2014 foi maravilhoso, pois 129 mulheres da Região Iguaçu Norte I se reuniram para o 27º encontro no Centro da Juventude (Toledo). Foi um dia muito gostoso e bem aproveitado no qual tivemos, já na chegada, uma recepção calorosa com um café delicioso seguido de uma programação maravilhosa com cânticos e mensagens conduzidas pelo grupo de Guaíra. A presidente da regional, irmã Agrit Waldow, coordenou as atividades do dia e a mensagem muito abençoada foi trazida pela irmã Dagmar Zagonel que nos falou pela parte da manhã sobre o tema “Família, o ideal de Deus para o ser humano”. Também tivemos as participações das MCAs presentes com diversos números musicais. O almoço foi muito bem servido pelo grupo da igreja (que está de parabéns). À tarde tivemos a continuação da programação conduzida pela presidente Agrit, além de louvores, orações e a mensagem trazida pela irmã Marta Seifert, com a participação das irmãs de Guaíra que nos trouxeram uma reflexão sobre “diversos tipos de portas”. A fé é a certeza daquilo que esperamos, e nesta caminhada somos desafiados pelo Senhor a refletirmos sobre qual é a porta que abrimos ou fechamos. Devemos abrir a porta da nossa vida para o Senhor. Encerrando a reflexão com uma música cantada pelo grupo. Tivemos eleição da nova diretoria, sendo assim constituída: presidente, Eliane Gomes, de Toledo;

Presidente Vogais:

DIVISA: “Por essa razão, ajoelho-me diante do Pai, ao qual deve a sua existência toda família no céu e na terra”. (Efésios 3.14-15) ÊNFASE: “Família, o ideal de Deus para o ser humano”.

Suplentes:

Encontro Regional Fronteira

Senador Salgado Filho, RS – No dia 30 de agosto de 2014, realizou-se o Encontro regional Fronteira na Linha República. Deus nos agraciou com um lindo dia e a participação expressiva de 213 mulheres representando 10 MCAs da região e também visitantes de outras igrejas vizinhas. A palestrante do dia foi a irmã Dagmar Zagonel, presidente da JUFEMI, que nos trouxe uma linda mensagem sobre a família. Além de um almoço muito saboroso e lanche da tarde com cucas e chá, o empenho da irmãs da Linha República foi elogiável. Houve também a eleição da nova diretoria da Regional Fronteira que ficou assim constituída: Maristela Bloch (Presidente); Roseli Gund (Vice-Presidente) e Lori Waldow (Secretária).

Dagmar W. Zagonel Liliane S. D. Ferraz Iris Beuter Silvana T. Gross Loni Scholl Shirley Frey Marta Hoffmann Jaqueline Preto Lúcia V. B. K. Marques

Secretária Executiva: Ana Cláudia de Almeida Christal

6

vice-presidente: Marta Esperandio Seifert, de Guaíra; e secretária: Astride Siqueira, de Pato Bragado. O ato de posse foi realizado no local. A irmã Agrit Waldow agradeceu pelo valoroso trabalho nesses 12 anos à frente da nossa regional. Com certeza, Deus a recompensará por tudo que tem feito. Tivemos ainda um animado amigo secreto aonde todas as irmãs puderam trocar seu presente com a amiga. Muito gostoso. O encontro acabou com um delicioso café preparado pelas irmãs da MCA de Cascavel. Deus tem abençoado muito a todas as irmãs e acreditamos que elas saíram renovadas, vendo que vale a apena servir a Jesus com amor e dedicação. Louvado seja Deus por mais este encontro no qual tivemos a oportunidade de receber e compartilhar as muitas bênçãos do nosso Deus. Lembramos que o nosso próximo encontro regional em 2015 será organizado pelas irmãs da cidade de Planalto. Reserve já este dia.

UFMB Pioneira Rua Elizeu Faria, 157 - casa 1 Xaxim - 81720-130 - Curitiba, PR Fone/Fax: (41) 3376.0271 E-mail: jufemi@pioneira.org.br CONTA BANCÁRIA CNPJ: 87.647.277/0001-99 Banco do Brasil - Ag. 2823-1 C/c 12834-1

“Tudo posso naquele que me fortalece.” (Fp 4.13)


ENTRE NÓS

JUNTA FEMININA MISSIONÁRIA NOTÍCIAS

Muitas vitórias!

Porto Alegre, RS – A MCA da Igreja Batista Memorial de Porto Alegre está de parabéns! Este ministério aceita os desafios que lhe são lançados, sempre com muita animação e participação. As reuniões da MCA da IBM acontecem todo 4º domingo de cada mês. Nestes encontros há muita comunhão e oração, nos quais as irmãs participam de dinâmicas de grupo, aprendem mais sobre a Palavra, trocam experiências e louvam a Deus. A MCA conta com o “Rol de Bebês”, além da “Oficina do Fuxico” que acontece toda quarta-feira à tarde na sede da igreja e está aberta à comunidade, com o objetivo principal de falar do amor de Deus. O ministério possui também uma página no Facebook que foi criada com o intuito de manter maior comunicação entre as irmãs da IBM. Convidamos a todas as leitoras do Jornal Pioneiro a fazerem parte da sua MCA local. Servir a Cristo não é sacrifício! Que Deus abençoe a todos!

Chá das Amigas Cunha Porã, SC – A MCA da PIB em Cunha Porã realizou no dia 23 de agosto o já tradicional Chá entre Amigas. Tivemos 105 mulheres ao todo. Nossa irmã Sandra, de São Miguel do Oeste, compartilhou conosco “Uma História de Vida”. Fomos abençoadas e desafiadas a conhecer e confiar mais em nosso Deus em todas as circunstâncias. Logo depois de ouvirmos sobre os feitos de Deus, cantamos louvores ao Seu nome e realizamos sorteios de prêmios, sendo então servido o tão esperado chá com buffet de salgados e sobremesas. Em cada ano podemos testemunhar que experimentamos a misericórdia de Deus e nos alegramos pela maneira como Ele conduz todas as coisas, independente das nossas falhas. Por esse e outros motivos, rendemos toda a glória ao nome de Jesus. Amém!

7


8


9


JUNTA DA MOCIDADE E ADOLESCENTES DA PIONEIRA

10


JUNTA DE EVANGELISMO E MISSÕES

As missões e as crianças Atenção, atenção! Você sabe da última novidade sobre missões? É que agora as crianças também terão oportunidade de adotar missionários! Um grupo chamado de Pequenos Missionários (Pedro, Samara, Priscila e o Paulinho) estão convidando as crianças para fazerem parte deste grupo que ama missões! Através do PAM Pioneira Kids, as crianças irão aprender mais sobre missões, recebendo informações missionárias, orando, contribuindo e ajudando mais pessoas a conhecer Jesus Cristo! O objetivo é que desde pequenas as crianças sejam ensinadas e estimuladas a amar missões! Você pode fazer a adoção e receber maiores informações pelo endereço pamkids@ pioneira.org.br. O Daniel (9 anos) e o Samuel (7 anos) Schach têm tido muitas experiências missionárias. Eles adotam missionários, oram, participam em viagens missionárias (cantando, fazendo teatros), e estão constantemente inovando maneiras de juntar suas ofertas. Eles começaram vendendo desenhos que eles pintavam; depois venderam panos de prato que a Oma Vali fez para eles; inventaram aviõezinhos de palito de picolé; eles têm uma super amiga da Oma Vali que ajuda a juntar moedinhas; ajudam a fazer massa caseira; a mãe também inventa alguns artesanatos

para os filhos venderem… Eles se esforçam para ajudar nas ofertas, porque sabem da importância de ajudar os missionários nos campos. Alguns anos atrás enviamos alguns carregamentos com doações a campos missionários. O último demorou um ano e meio para ser entregue. Neste tempo todo, os meninos estiveram orando TODOS os dias pelo carregamento missionário. Muitas vezes nos perguntávamos: “Por que está demorando tanto? Porque Deus não leva logo estas doações? Por que tantas coisas estão paradas, se poderiam estar sendo usadas?” Mas Deus sabia do momento certo do carregamento chegar. E, meses atrás, houve uma grande enchente, e milhares de pessoas ficaram desabrigadas. Enfim: as doações chegaram, junto com a água. Foi na hora certa, na hora que precisava: e Deus sabia! Louvamos muito a

Deus porque todas doações foram entregues no momento que as pessoas precisavam! Aprendemos muito sobre perseverança na oração, sobre a soberania de Deus na vida das pessoas e crescemos espiritualmente como família e individualmente. Para as crianças pequenas, será necessário que os pais ou responsáveis façam a adoção para seus filhos, que sejam os mediadores entre as crianças e os missionários, que facilitem e ensinem as crianças sobre missões. Não é tempo perdido, nem algo sem importância. Ajudar as crianças a vivenciarem missões no seu dia-a-dia é dar-lhes oportunidade de conhecerem mais a Deus, terem experiências com Deus, e ainda elas

serão “Pequenos Missionários”, levando o Evangelho para pessoas em muitos lugares. Converse com os líderes de crianças de sua igreja e com o promotor de missões; formem grupos de adoção; promovam e façam viagens missionárias; envolvam-se em projetos evangelísticos; incentivem as crianças a orar diariamente pelos missionários; glorifiquem a Deus fazendo missões! VIVENDO PARA JESUS! Faça parte dos Pequenos Missionários você também! Viva experiências missionárias para crescer na fé, e ajudar mais pessoas a conhecer o amor de Jesus Cristo! “Disse Jesus: Vão pelo mundo inteiro e anunciem o evangelho a todas as pessoas” (Mc 16.15).

Ao lado, Daniel e Samuel apresentando uma música em espanhol em um treinamento para professores de Pepes, em Assunção, Paraguai.

Nesta foto, o Daniel e o Samuel estão na Tribo Maká, em Assunção, Paraguai, onde apresentaram teatro evangelístico, cantaram, distribuíram comida.

11


JUNTA DE SERVIÇO SOCIAL

IGREJAS

visita lares de idosos e APAE Projeto Alimentação Saudável na 3ª Idade MCA Cunha Porã, SC – Em nossa cidade temos dois lares para idosos. No dia 25/03/14 visitamos Toledo, PR – Dando prosseguimento ao Projeto Alimentação Saudável na Terceira Idade, foi realizado o Bingo da Alimentação Saudável no Lar de Idosos Irmãos Dentzer. Como prêmios, os idosos escolheram entre espetinho de fruta, peixe de morango e carinha feliz. Os encontros do projeto têm por objetivo trazer informações importantes sobre a alimentação saudável por meio de atividades recreativas que contribuam para promover no cotidiano o bem-estar e mais qualidade de vida aos idosos.

Semana Farroupilha no Lar da Criança Ijuí, RS – A equipe do Núcleo Social de Ijuí promoveu, no dia 19 de setembro, sexta-feira, uma programação especial com muita música, mateada, brincadeiras e lanche com alimentos típicos para todas as crianças e adolescentes do núcleo, nos dois turnos. Já no dia 20, sábado, foi a vez do programa de acolhimento comemorar a data por meio de um gostoso churrasco organizado pelo diretor Leandro, no pátio do Lar, reunindo todas as casas lares. Foram dias de diversão e alegria para nossas crianças!

Comemorando o Dia da Criança Ijuí, RS – Os queridos amigos do Movimento Emaús e do Leo Clube, de Catuípe, realizaram uma alegre programação em comemoração ao Dia da Criança, no dia 18 de outubro, sábado, no período da tarde, para as crianças e adolescentes do Lar. Foi uma tarde divertida, com brincadeiras que

12

envolveram também as cuidadoras sociais e demais moradores, distribuição de presentes e lanche, além de doações para o nosso Lar. Foi uma tarde divertida e muito especial! Agradecemos pela visita, doações e pela alegria proporcionada aos nossos acolhidos!

um deles, onde encontramos 20 idosos, inclusive uma senhora com 105 anos de idade. Pessoas muito dependentes e doentes, mas que mesmo assim demonstraram alegria e receptividade para conosco. Ali cantamos, ouvimos sobre o plano de Deus para cada vida, entregamos lembranças e de lá saímos ouvindo muitos pedidos para que voltássemos. No dia 02/07/14, voltamos visitar idosos outra vez, quando fomos também a outro lar chamado “Casa da Siria” no qual encontramos 8 idosos. Foram momentos de alegria para eles e aprendizado para nós. No dia 18/07/14 foi a vez da APAE. Em todas as visitas levamos a mensagem falada, visualizada e cantada: “Sou especial para Deus porque Deus me fez; Deus me conhece e Deus me ama”. Havia silêncio nos ambientes, olhares atentos, sorrisos e até lágrimas. Ficamos impressionadas, pois para Deus nada é maravilhoso demais (Jr 32.27). Não há limite de idade, nem condições físicas, Ele fala aos corações, pois Ele é amor (1Jo 4.8). Não nos cansemos de fazer o bem e para que seja louvado sempre o nome de Jesus!

Treinamento para Ministério Infantil Camaquã, RS – “Instrua a criança segundo os objetivos que você tem para ela, e mesmo com o passar dos anos não se desviará deles” (Pv 22.6). Refletindo sobre o versículo acima, obreiros e líderes do Ministério Infantil da igreja reuniram-se nos dias 20 e 21 de setembro para um precioso tempo de curso de aperfeiçoamento com o amado

casal Pr. Vanderlei e Aline Schach. Este casal trouxe ferramentas e ideias para que o Reino de Deus cresça evangelizando e discipulando os pequenos com todo empenho e dedicação possíveis. Foram momentos reflexivos, práticos e desafiadores, indispensáveis para um obreiro preparado para a boa obra. – Aline Hahn Affeldt


IGREJAS

NOTÍCIAS DE SÃO MIGUEL DO OESTE, SC Em setembro, a PIB de São Miguel do Oeste (SC) comemorou 11 anos de emancipação com a celebração de eventos especiais. No dia 20 à noite realizamos uma palestra no Auditório do Colégio La Salle, com o tema “O Valor da Família” que foi acompanhada de apresentações musicais com o grupo Geração Fiel de Porto Alegre (RS). Já no dia 21 (domingo pela manhã), o pastor trouxe uma mensagem especial para igreja e o grupo Geração Fiel foi o responsável pelo momento de músicas. Depois tivemos um delicioso almoço de confraternização. À noite, realizamos um culto festivo de aniversário com a presença de muitos visitantes, no qual compartilhamos o gostoso bolo de aniversário. Dia 22 (segunda-feira pela manhã), realizamos trabalhos especiais em duas escolas em São Miguel do Oeste e à tarde foi a vez de duas escolas em São José do Cedro, onde iniciamos uma congregação. À noite tivemos culto especial na congregação com a presença de visitantes e o apoio da igreja de São Miguel do Oeste. Dia 23 (terça-feira), foram realizadas atividades em mais duas escolas em São Miguel do Oeste, com a participação do grupo Geração Fiel. Os eventos de aniversário foram muito abençoados e abençoadores. Em 4 dias de eventos foram alcançadas mais de mil pessoas com a mensagem do Evangelho e tivemos algumas se decidindo por Cristo. Estamos empenhados em realizar missões locais, abrindo portas para o Evangelho com a intenção de estabelecermos novas congregações, futuras igrejas nas cidades da região que é muito carente de igrejas batistas e de igrejas evangélicas doutrinariamente saudáveis. Iniciamos uma congregação na cidade de São José do Cedro, um grupo de estudo e discipulado na cidade de Guaraciaba, e outro grupo no município de Itapiranga, além de grupos nos lares na cidade de São Miguel do Oeste. Somos gratos a Deus pela visão que Ele está abrindo, e vemos se desenvolver a característica de uma igreja missionária que discipula e prepara pessoas para o serviço cristão. Muitos que se converteram e foram discipulados em São Miguel do Oeste estão servindo ao Senhor em igrejas na região e em outros estados. Com o empenho local, as ofertas missionárias para a JEVAM, JMN e JMM não foram deixadas de lado, pelo contrário, o empenho tem crescido significativamente para realização da missão do “ide por todo mundo e pregai o evangelho a toda criatura”. Enfrentamos provações e dificuldades, especialmente no início, quando foi organizada igreja e não houve mais auxílio financeiro e apoio

externo. Os recursos eram escassos no final do mês, às vezes não eram suficientes para pagar as despesas fixas e o sustento pastoral, além da dívida da igreja (prestações de um automóvel para o serviço). Mesmo assim, como ato de fé, nos determinamos a cumprir fielmente com os compromissos do Plano Cooperativo e o percentual da contribuição mensal para a Associação Centro manter o Acampaz e as atividades regionais. Surpreendentemente, houve um crescimento significativo nas ofertas missionárias. Para oferta da JMM houve um crescimento de mais de 700% de um ano para outro. Deus honrou a fidelidade da igreja e despertou pessoas para contribuírem. Com os desafios missionários, a evangelização local e a implementação de novos trabalhos, a igreja viu a necessidade de ter mais obreiros para auxiliar. No início do ano de 2012 foi convidado o casal Felipe e Adriana Balaniuk, egressos da Faculdade Batista Pioneira de Ijuí, que vieram para ajudar a fortalecer o trabalho local e a expansão da obra na região. Com a aprovação da igreja, o irmão Felipe foi ordenado ao Ministério Pastoral no dia 23 de novembro de 2013, e exerce a função de pastor auxiliar, concentrando seu trabalho pastoral nos jovens, adolescentes e juniores, além de atuar na área de música, discipulado e nos trabalhos diversos do ministério. No presente momento está sendo de grande ajuda para o fortalecimento e desenvolvimento do trabalho. As dificuldades iniciais foram superadas com trabalho, perseverança e fé, e já começamos a colher os frutos. Com alegria, batizamos, no dia 28 de setembro, 12 novos convertidos, que após passarem por um período de discipulado comprometeram-se com Cristo e firmaram o Pacto das Igrejas Batistas. Continuamos discipulando mais pessoas e até o final deste ano teremos mais um batismo com mais de 10 pessoas que já se decidiram e estão no processo de preparação. Percebemos que, em nosso contexto, a realização de eventos não dá muito resultado no crescimento numérico da igreja, mas constituem em “ponte” de acesso às pessoas, quebrando preconceitos e criando relacionamentos. O resultado efetivo é alcançado no discipulado e nos relacionamentos mais duradouros, quando são comunicados os preceitos da Palavra de Deus. Investimos em diversos eventos nos últimos anos com o grupo EMME, Quarteto Master, Geração Fiel, Quarteto de Ijuí, Quarteto de Adolescentes de Santa Rosa, Pr. Horst Brunner, Coro da Faculdade Batista Pioneira, palestrantes, jantares, retiros, eventos especiais para crianças,

Culto do Amigo, cultos especiais, treinamento de líderes e outros com o foco de propiciar aos membros o envolvimento e engajamento pessoal, especialmente em estabelecer contato e convidar as pessoas de seu convívio. Para cada evento especial são confeccionados convites e todos os membros da igreja devem se envolver e distribuir ao seu círculo de relacionamentos para alcançar essas pessoas. A ênfase é no trabalho pessoal. Demorou aproximadamente 6 anos, num processo contínuo, até apresentar resultado mais efetivo. Hoje a igreja se caracteriza pelo número de visitantes (não membros) nos cultos normais que geralmente passa da metade dos presentes. Queremos fazer a obra missionária com a igreja local, despertando-a para um envolvimento pessoal na frente do trabalho e no sustento integral; se possível, sem depender do auxílio de juntas missionárias, num crescimento progressivo, e uso eficiente e eficaz dos recursos locais. Temos passado por apertos e, devido os diversos desafios, vemos nas finanças saídas maiores que as entradas nos últimos meses, o que aponta para uma crise financeira no final do ano; mas continuamos confiantes na providência divina para o suprimento das necessidades. Filipenses 4.19 traz uma declaração gloriosa: “E o meu Deus, segundo a sua riqueza em glória, há de suprir, em Cristo Jesus, cada uma de vossas necessidades”. Precisamos simplesmente crer essa realidade e trabalhar com todo vigor. Estamos dedicados a quebrar um ciclo de estagnação que observamos ocorrer em igrejas que chegam próximo dos 100 membros, quando há a necessidade de iniciar uma etapa para

provocar novo ciclo de crescimento. A limitação pessoal dos pastores enseja que as igrejas supram as demandas com pessoas qualificadas para o trabalho específico para não limitar o trabalho e consequente crescimento. Assim, se o processo de crescimento para o qual estamos trabalhando aqui se desencadear, necessitaremos de mais obreiros na equipe ministerial, e também investimentos na estrutura física para propiciar espaço e atender a demanda. Os desafios que temos diante de nós não cabem dentro de nossa pequena igreja. Por isso, esperamos que gradativamente as condições se ampliem para que, numa jornada de fé, concretizemos os propósitos do Senhor na cidade de São Miguel do Oeste e região. Suas orações, intercedendo por nós, são muito importantes para superarmos todas as lutas e dificuldades que, cada vez mais, surgem quando tratamos de pessoas pecadoras que carecem da graça de Deus para Salvação e para servirem ao Senhor na igreja. Cremos que “fiel é o que chama, o qual também o fará” (1Ts 5.24). Deus é fiel, mas nós corremos grande risco de sermos infiéis ao Senhor, mas mesmo quando somos infiéis, “Ele continua fiel” (2Tm 2.13); porém, se formos infiéis, não cumpriremos e não completaremos a missão recebida. Por isso, pedimos que orem por nós para que a Primeira Igreja Batista em São Miguel do Oeste possa cumprir fielmente com a sua missão, completando sua parte na obra do Senhor! – Pr. Gunter Scheguschewski E-mail: pibsmo@gmail.com Fone: (49) 3621.4965 e (49) 9801.0700

13


IGREJAS

Posse do Pr. Josué Félix da Hora Camaquã, RS – No dia 13 de setembro de 2014, a Igreja Batista Pioneira de Camaquã esteve em festa celebrando a chegada de seu novo pastor, vindo do Rio de Janeiro (RJ), Pr. Josué Félix da Hora e sua esposa Elizabeth Azevedo da Hora. O culto de posse foi marcado pela presença do Ministério Geração Fiel que nos levou em adoração e também pela diretoria da Ordem dos Pastores que fez a leitura do termo de Posse, assim como pastores e amigos e familiares do pastor, oriundos do Rio de Janeiro. Somos gratos pela vida da família pastoral que, juntamente com os demais pastores, estarão em Cristo Jesus conduzindo suas ovelhas. Deus os abençoe e sustente em todo o tempo.

Batismos em Camaquã

Camaquã, RS – Os adolescentes Ruan Silva da Silva, Gustavo Henrique Fondaik e Daniel Ribeiro Konflanz, juntamente com o Pr. Jônatas da Costa Brasil de Borba, deram testemunho de entendimento da decisão de batismo por aceitar a Cristo como único Senhor e Salvador de suas vidas. Com o hino Coro Santo – “é o santo coro dando glória a Deus, por mais um remido entrar nos céus” –, foram batizados. A igreja os recebeu com alegria após a imersão e fez a entrega dos certificados através de seus pais.

FALECIMENTOS

Ursula von Zelewski 01.07.1923 – 21.04.2014

São Paulo, SP – Nossa querida irmã Ulla, como era conhecida, nasceu em Freguesia do Espírito Santo (RJ), sendo seus pais Otto e Lydia von Zelewski. Morou em Terêncio (RS) alguns anos de sua infância. Lá mesmo, ela aceitou a Cristo como seu Salvador e Senhor e foi batizada. Aproximadamente aos 11 anos de idade mudou-se com seus pais para a cidade de São Paulo, sendo membro da Igreja Batista Alemã de São Paulo. Gostava muito de música, assim cantou muitos anos no coral da igreja, tocava violino nas apresentações musicais e fazia parte da orquestra evangélica unida da cidade que se apresentava nas igrejas de diversas denominações. Participava ativamente dos cultos, reuniões das irmãs e eventos da União Feminina da nossa Convenção. Casou-se pela primeira vez aos 23 anos de idade com Walter Stach. O segundo casamento foi com Otto Witzke em 1961. Ambos a precederam na morte. Ela não teve filhos e nem irmãos. O seu trabalho secular foi de secretária, comerciante e professora de línguas. Tinha o dom da hospitalidade e do amor. Quero destacar um fato de como ela ajudou certa pessoa. Essa pessoa, chamada Irene, foi colega dela no ensino fundamental e depois de muitos anos elas se reencontraram, quando Ulla viu que Irene estava numa situação difícil. Ela convidou a colega para morar numa casa no seu quintal, ao lado da sua própria casa. Em 2006, Ulla foi vítima de um acidente de carro do qual ela se restabeleceu. Em 2008, sofreu uma queda no domicílio. Foi operada mas nunca mais sarou. Não andou mais. Nos últimos anos permaneceu acamada. Foi cuidada com carinho pela prima Elli e sua filha Sueli. Toda vez que a visitávamos, líamos um Salmo, orávamos e cantávamos juntos. Os hinos de sua preferência foram os que ela aprendeu na infância do hinário Singvögelein (“passarinho que canta”), usado durante décadas na Escola Dominical dos batistas de língua alemã. Hoje ela faz parte do coral celestial e deve cantar um hino após outro na mansão celestial. No dia 21/04/2014, aos 90 anos de idade, o Senhor, na sua misericórdia, a chamou para o Lar Celestial. Pedimos que o Senhor console os parentes que cuidaram dela e também os membros da nossa igreja que a amaram. Ele, Deus, enxugará dos seus olhos todas as lágrimas. Não haverá mais morte, nem tristeza, nem choro, nem dor (Ap 21.4). – Elsbeth Fürstenau Schlatter

Carlos Hasper

11.11.1931 – 12.08.2014 Nova Santa Rosa, PR – Carlos Hasper nasceu em Santa Rosa, RS. Filho de Gustavo e Alvinei Hasper, foi batizado em 05 de novembro 1950 na Primeira Igreja Batista de Santa Rosa (RS), pelo Pr. Georg Ziegler. Casou-se em 19 de fevereiro de 1955 com Roschen Klais, sendo este o primeiro casamento realizado na Primeira Igreja Batista em Nova Santa Rosa. Além disso, o casal era membro fundador da igreja. Roschen Hasper veio a falecer em 06 de julho de 1998. Tiveram cinco filhos: Ilmar (falecido), Milton, Elton, Ildor e Marli. Carlos faleceu no dia 12 de agosto de 2014 deixando filhos e filha, noras e genro, netos além de outros parentes e amigos.

Helton Theodoro De Oliveira 28.11.1982 – 08.10.2014

Marlene Adolf

11.02.1947 – 05.10.2014 Ijuí, RS – Filha de Otto e Gertrud Adolf, foi a primeira de quatro filhos: Rosali, Heinz (o inesquecível pastor e teólogo Heinz Adolf) e Udo. Batizada em 22/11/1959 pelo Pr. Oscar Horn. Comerciária de profissão, foi professora da EBD da Primeira Igreja Batista em Ijuí entre 1960 e 1970. Já aposentada, a partir de agosto de 2006 passou a habitar no Lar Tabea, de Idosos, em Panambi, de onde se mudou para o seu Novo e Eterno Lar. Deixou rastros de luz pelas virtudes que adornaram seu caráter cristão. No culto de despedida e gratidão, estavam os pastores Airton Nickel e Egonzir Worm. Egonzir é casado com Fabiana, filha do Pr. Heinz e Leni Adolf. Fabiana teve participação importante no louvor deste culto. Aos familiares deixamos o conforto de Filipenses 1.21-23. – Pr. Oswaldo Mancebo Reis

14

Blumenau, SC – “Deus é o nosso refúgio e a nossa fortaleza, socorro bem presente na angústia” (Sl 46.1). Faleceu no dia 08 de outubro de 2014, nosso irmão em Cristo, Helton Theodoro de Oliveira, casado com Paula Cristina da Silva Theodoro de Oliveira, filho do Pr. Hélio Santos de Oliveira e Veralice. Helton nasceu no dia 28 de novembro de 1982 e, com apenas seus 32 anos de vida, foi levado por um trágico acidente de moto, não resistindo ao choque consequente ao ocorrido. O corpo do amado irmão foi velado no Cemitério São José em Blumenau (SC), com a realização de um culto de despedida na Capela Mortuária do mesmo local, sendo seu sepultamento realizado às 17h do dia 09 de outubro de 2014. Não temos palavras para expressar o pesar que todos sentimos com esta perda, pois nossos corações estão muito entristecidos pelo passamento deste tão jovem irmão. Deus o levou para junto de Seu rebanho na eternidade. Em Romanos 8.38-39 encontramos o texto que nos pode servir de conforto neste momento: “Porque estou certo de que, nem a morte, nem a vida, nem os anjos, nem os principados, nem as potestades, nem o presente, nem o porvir, nem a altura, nem a profundidade, nem alguma outra criatura nos poderá separar do amor de Deus, que está em Cristo Jesus nosso Senhor”. Que este texto ecoe em nossos corações, na certeza do reencontro na eternidade. Neste momento de dor, nosso desejo é que Deus conforte a esposa, os pais e demais familiares enlutados. Abraços carinhosos da Primeira Igreja Batista Pioneira em Blumenau.


ORDEM DOS PASTORES BATISTAS DO BRASIL

Congresso de Pastores e Esposas 2014 Farroupilha, RS – O Congresso de Pastores e Esposas deste ano aconteceu nos dias 13 a 17 de outubro, contando com a participação de 112 pastores, obreiros e esposas, além de várias crianças. O congresso foi realizado no Farina Park Hotel (Farroupilha, RS), na região de colonização italiana da Serra Gaúcha. O congresso teve como tema “A Igreja, o pastor e os desafios contemporâneos”. As palestras foram proferidas pelos pastores Luiz Sayão, Ederson Menezes, Claiton André Kunz, Helmuth Scholl, Felipe Almeida e Samuel Esperandio, abordando cada um deles um subtema do congresso. Na quartafeira aconteceram, além da assembleia deliberativa, os concílios de exame para ordenação de 3 candidatos: Gabriel Lauter (IB Arco Íris – Congregação Santa Bárbara do Sul), Sanderson Belo Peres (IB Santa Rosa) e Ilton Flores (IB Leta em Ijuí). Na mesma noite, a UNESPA (União de Esposas de Pastores) preparou um programa especial com testemunhos e oração que foi uma bênção na vida dos participantes. Na Assembleia da Ordem foi discutido o assunto “Filiação de Pastoras”. Após longo debate e considerações sobre o tema, ficou decidido pelo adiamento da votação e que o Conselho da

Ordem discuta cada caso que surgir até a próxima assembleia. Oremos por sabedoria, bom senso, amor e unidade. A OPBB Pioneira agradece ao apoio das igrejas e a todos os pastores e esposas que estiveram presentes no Congresso 2014, e convida desde já para o próximo que se realizará nos dias 12 a 16 de outubro de 2015 em Fraiburgo (SC).

FAMÍLIA

90 anos do Pr. Gustavo Neumann Mal. Cândido Rondon, PR – Na data de 14/09/2014, pela manhã, foi realizado um culto de gratidão a Deus pelos 90 anos de vida do Pastor Emérito da PIBP de Marechal Cândido Rondon, Gustavo Neumann. Tivemos como preletor o Pr. Nilton Schweigert. Pr. Gustavo disponibilizou um emocionante texto, lido pelo Pr. Cristian Wondracek, onde narrou fatos de sua longa vida. Depoimentos de familiares e amigos demonstraram o amor que nutrem pelo aniversariante. O presidente da PIB Rondon, em nome da igreja, deu uma palavra de louvor e gratidão à Deus pela vida do Pr. Gustavo. Este, ao final, fazendo uso da palavra, agradeceu aos presentes, mas principalmente a Deus. Logo após, foi servido um delicioso almoço para todos os presentes no Salão Social “Gustavo Neumann”, todo decorado para a ocasião. O Pr. Gustavo solicitou que se alguém tivesse a intenção de lhe dar um presente, que o fizesse na forma de contribuição para missões. Assim, todo o valor levantado foi destinado aos campos missionários. Que Deus continue abençoando e protegendo nosso querido Pr. Gustavo, um verdadeiro exemplo de vida consagrada a servir ao nosso Senhor e Salvador Jesus. A Deus toda honra e glória!

80 anos de Lieselotte Fischer

Santa Rosa, RS – O aniversário de 80 anos de Lieselotte Anna Hilde Fischer foi comemorado junto com as amigas da MCA na Igreja Batista em Santa Rosa. Na ocasião, o Pr. Harri Wondracek trouxe palavras de esperança e perseverança, pois na vida há muitos desafios que precisamos enfrentar. Nascida no dia 17/09/1934 em Santa Cruz do Sul, casou-se com Erich Fischer em Santa Rosa e teve três filhos homens e uma filha mulher. É assídua na MCA há mais de 30 anos, gosta muito dos netos e de fazer ginástica com o grupo da igreja! Parabéns, Lieselotte! Que Deus a abençoe.

Encomende o Presente Diário 18 Encomende pelo e-mail: secretaria@pioneira.org.br Valores:

Brochura personalizado Pioneira: 5,00 + frete Letra grande: R$ 9,00 + frete Surpresa para hoje (infantil): R$ 10,00 + frete Mini: R$ 3,00 + frete

Mesmo na velhice, os justos darão fruto, permanecerão viçosos e verdejantes, para proclamar que o Senhor é justo. Ele é a minha rocha; nele não há injustiça. Salmos 92.14-15

15


TEMA DO MÊS

16


Millions discover their favorite reads on issuu every month.

Give your content the digital home it deserves. Get it to any device in seconds.