__MAIN_TEXT__

Page 1

O Batista Pioneiro | Novembro/Dezembro de 2020

www.pioneira.org.br1

JORNAL DA CONVENÇÃO BATISTA PIONEIRA DO SUL DO BRASIL Ano 93 | Edição n° 06 | Novembro/Dezembro de 2020 Distribuição Gratuita

03

A EXPECTATIVA DO FIM E A CELEBRAÇÃO DO REINO EDITORIAL

10

A BÍBLIA AINDA ESTÁ VALENDO OU PRECISA SER ATUALIZADA? ARTIGO

ARTIGO

PÁGINA 11

12

MARCOS DA PANDEMIA E NOSSA REAÇÃO À CRISE ARTIGO


2

A EXPECTATIVA DO FIM E A CELEBRAÇÃO DO REINO Pr. Samuel Esperandio | Diretor Executivo da Convenção Batista Pioneira

“Olhai, vigiai e orai, porque não sabeis quando chegará o tempo” Mc 13. 33

C

elebrar a glória do reinado de Deus significa que cremos que o Reino foi instaurado! Instaurado, significa formado, estabelecido, portanto denuncia que houve um início, que é uma realidade, porém, também significa que está no começo e que aguardamos a Sua plenitude. A instauração se deu com a primeira vinda de Cristo, a chamada encarnação, pois o verbo de Deus se fez humano e habitou entre nós, conforme nos atesta o evangelista João (1. 14). O próprio Jesus, inquirido sobre o Reino, assim se expressou: “O Reino de Deus não vem com aparência exterior. Nem dirão: Ei-lo aqui! Ou: Ei-lo ali! Porque eis que o Reino de Deus está entre vós” Lc 17. 20 e 21. A instalação final e gloriosa do Reino é descrita nos ensinos bíblicos como o tempo do fim. A palavra do NT que descreve o final das coisas, o final da era presente, é ESCATOM. Daí vem a palavra escatologia, ou seja, a Doutrina das últimas coisas. O livro do Novo Testamento que mais expressa a Escatologia é o Apocalipse, e nossa divisa anual está no capítulo 11, versículo 15, que diz: “E tocou o sétimo anjo a trombeta, e houve no céu grandes vozes, que diziam: ‘Os reinos do mundo vieram a ser de nosso Senhor e do seu Cristo, e ele reinará para todo o sempre’”. A expectativa do fim dos tempos é ao mesmo tempo uma virtude cristã amparada na esperança e é também uma atitude, ou seja, confiados na promessa de Jesus Cristo, corroborada

pelos escritos do Novo Testamento, o crente se põe em vigília e em oração, como nos desafia o versículo acima. Aqueles que querem celebrar para sempre e eternamente na glória, estão ocupados desde já em oração e vigília, ou seja, observando o princípio de dores, os sinais dos tempos, não apenas como espectadores mas como participantes do Reino que foi inicialmente estabelecido e está em franca expansão, na medida em que mais e mais pessoas se submetem ao reinado de Cristo. Chegará, entretanto, o momento em que o Rei retornará para buscar seus súditos, os quais em júbilo ascenderam às nuvens, ao som das trombetas ao encontro com o Senhor nos ares (conforme I Ts 4. 16-17). Portanto, a celebração será em grande estilo, com os exércitos celestiais cantando, tocando e louvando a Deus, e todos os joelhos se dobrarão diante do Senhor. Aqueles que nEle creram, ajoelhados para adoração plena e duradoura. Aqueles que não creram, ajoelhados em humilhação, porém tarde demais. Assim, algumas perguntas se apresentam: 1ª) Em qual dos grupos de ajoelhados você estará? 2ª) Haverá alguém no primeiro grupo influenciado por seu testemunho, sua oferta ou sua oração? 3ª) Se depender de sua vigília o Rei chegará de surpresa ou aguardado com expectativa? Já que não sabemos quando o fim chegará, estejamos preparados e preparando outros para que juntos aclamemos o Rei e celebremos a Sua vitória que é a nossa vitória.

Gratidão - Pelas igrejas que retornaram aos cultos presenciais com os cuidados de distanciamento social; - Pela realização da 92ª Assembleia da Convenção Batista Pioneira de forma virtual; - Por todas as pessoas que foram eleitas para a liderança convencional; - Pelo sustento das instituições, juntas e igrejas num ano atípico;

Intercessão - Pelas equipes que pesquisam vacinas contra o Covid 19; - Pelas famílias enlutadas com morte de entes queridos; - Pela proteção dos profissionais da saúde e dos serviços essenciais contra o Corona vírus; - Pela recuperação econômica de profissionais, famílias, empresas, instituições e igrejas; - Pelas atividades de final de ano em todas as igrejas e instituições.

Presidente: Milton Tehlen

Expediente

Órgão Oficial de Informação da Convenção Batista Pioneira do Sul do Brasil

Vamos orar!

A publicação é de responsabilidade da Convenção Batista Pioneira do Sul do Brasil. As matérias assinadas são de responsabilidade de seus autores e não refletem necessariamente a opinião do jornal. A redação reserva-se o direito de resumir as matérias. Matérias a serem publicadas devem ser enviadas para o e-mail <secretaria@ pioneira.org.br>.

Vice-Presidentes: Jair Hein Jacques Kleiman Wilson Roberto Greve Zaira Maria Dhein Conselho Editorial: Pr. Claiton André Kunz Pr. Antônio Renato Gusso Roland Körber Editor Responsável: Pr. Samuel Esperandio

Secretaria: Fabiana Silvestrini, Roberta Tolotti Ernst e Sandra Cledi Johann Redação: Rua Elizeu Faria, 157 - casa 1 | 81720-130 - Curitiba, PR Fone/Fax: (41) 3284.4650 | secretaria@pioneira.org.br Projeto e Diagramação: Kainã dos Santos - (55) 99154-6877 kainã@pioneira.org.br Impressão: Mega Gráfica Editora Ltda. (41) 3598.1113 - (41) 9926.1113


3

O Batista Pioneiro | Novembro/Dezembro de 2020

Coluna da Educação Cristã IDEOLOGIA DE GÊNERO, ATENTADO CONTRA A CRIAÇÃO DE DEUS! “Criou Deus o homem à sua imagem, à imagem de Deus o criou; homem e mulher os criou”. Gn 1:27 NVI Nos últimos dias temos ouvido muito sobre ideologia de gênero, a tal da Ação Direta de Inconstitucionalidade (ADI) 5668 proposta pelo PSOL, que estava na pauta para ser votada no dia 11/11/2020, “que pretende obrigar as escolas de todo o país a adotarem os princípios de que as pessoas não nascem homens ou mulheres, mas escolhem o sexo depois” . Essa não é a primeira vez que esse assunto vem à tona, em outros momentos isso já foi discutido. Tentaram colocar em votação novamente, mas até o momento, graças a Deus, isso ainda não aconteceu. É preciso ter consciência que se essa ação chegar a ser aprovada os pais perderão o direito sobre seus filhos, ou seja, a prerrogativa de que os pais são responsáveis pela educação de seus filhos perde força e em seu lugar a educação passa a ser “prerrogativa do Estado”. As escolas passarão a ensinar todas as “formas de sexualidade existentes, sem que pais ou familiares possam interferir no processo de educação sexual mantido pelos educadores”. Sob fundamento científico, filosófico e cultural, a ideologia tenta minar a criação de Deus, dizendo que aquilo que Deus fez está errado. A Palavra de Deus é bem clara ao mencionar que Deus criou “homem e mulher”! Essa é a perfeita criação de Deus, que querem distorcer. Assim, existem apenas dois gêneros: feminino e masculino. Além disso, essa ideologia atenta, também, contra a família, arquitetada e criada por Deus! No link a seguir é possível assistir um interessante vídeo falando justamente sobre esse atentado à criação de Deus: https:// www.facebook.com/100000775496383/posts/3444908482211634/ Tenho ouvido muitos se admirarem com essa e outras realidades que estamos enfrentando, sobre absurdos contrários à Palavra de Deus que nos preocupam e muitas vezes nos revoltam. Mas, como cristãos, sabemos que teremos tribulações, que viveremos aflições, que os dias são maus e que nos tempos finais a situação ficará realmente difícil. O que mais me espanta, não é isso, e sim a ingenuidade que tenho presenciado no meio cristão, aquela acomodação em deixar a coisa acontecer, a falta de interesse em se atualizar e buscar preparar você e a família para viver uma vida longe das mazelas do inimigo, cuidando o que seus filhos e filhas assistem na TV, acessam na internet. Controlando as amizades a fim de que sejam influenciadores e não influenciados, a fim de que brilhem no mundo com a luz de Cristo e não sejam ofuscados pelo pecado. Aquela desculpa de sempre “todo mundo vê, todo mundo faz!” não deve se aplicar aos cristãos. Nós não fomos chamados para fazer diferença? Como vamos ser assim se nos amoldamos ao mundo? Aí mora o perigo, tudo passa a ser normal… Se olharmos os desenhos e séries de hoje vemos claramente a ideologia de gênero em muitos deles. Personagens homossexuais, heterossexuais, relacionamentos múltiplos, e assim por diante. Precisamos estar com os olhos abertos, o inimigo anda em derredor buscando a quem possa tragar! Uma forma de fazê-lo é estar atento aos projetos de lei sobre o assunto e votar contra aqueles que ferem os princípios bíblicos. Tenho certeza que Deus é perfeito, sua criação é perfeita! Não podemos aceitar que a ideologia de gênero venha tirar nos tirar a liberdade em ensinar nossos filhos e filhas a Verdade e a viverem de acordo com aquilo que Deus espera e para aquilo que Deus os criou: para seu louvor!

Sonia Heimann Reinke

Mestre em Teologia – Educação e Religião Missionária da JEVAM


4

CELEBRANDO A GLÓRIA DO PASTOR DOS PASTORES

Celebrai com júbilo ao SENHOR, todos os habitantes da terra. Cultuai o SENHOR com alegria e apresentai-vos a ele com cântico (Salmos 100. 1-2).

C

elebrar a glória do Senhor é muito mais que uma atitude, que uma atividade, que um evento comemorativo. Observe que o texto acima é um verbo no modo imperativo, não é uma opção, e sim uma determinação. Este tema segue a mesma linha temática da Convenção Batista Brasileira para este ano, com uma especificação definida “a Glória do Pastor dos pastores”. Achei deveras interessante esta proposição temática, pois destaca a responsabilidade vocacional de nossos pastores, de ensinar, conduzir, orientar inúmeras pessoas que estão sob nossa responsabilidade ministerial e, para cumprir esta tarefa é necessário ser pastoreados. O texto bíblico que usamos como fundamento é a segunda parte do verso 15 de Apocalipse 11, onde lemos: “Os reinos do mundo vieram a ser de nosso Senhor e do seu Cristo, e ele reinará para todo o sempre.” Este texto deixa claro que o Senhor é o grande rei a quem todos nós devemos celebrar a sua glória por todo o tempo. Esta celebração é mais que uma atividade, que um evento. Esta celebração é uma tomada de atitude, é um modo de vida muito claro e objetivo, pois é a razão de nossa vocação e ministério. Ser pastor é a aceitação de uma chamada muito específica, a que não se pode resistir, não é uma escolha pessoal, mas reposta a um chamado. Quando se fala em celebrar, é bem provável que venha a nossa mente o sentido de comemorar, como acontecimento, festa ou cerimônia, exaltação publica de méritos. Embora tudo isto também faça parte da celebração, é muito mais que apenas isto. O

“Celebrar o Pastor dos pastores” fala de comprometimento, de entrega total, de um modo de vida. Significado de Celebração - Vamos refletir um pouco sobre Celebração e seu significado em sentido linguístico, como encontramos em nossos dicionários: substantivo feminino Ato de celebrar, de enaltecer, de proclamar louvores: Festividade comemorativa; comemoração, festejo. Em princípio, a celebração teria mais ou menos o mesmo sentido da comemoração, mas hoje, no jargão organizacional, celebrar passa a ter um significado mais profundo, mais interativo, menos “festeiro”. Celebrar é compartilhar alegrias e vitórias, sem bandas e fanfarras. É esta forma celebração que estamos refletindo Celebração como forma, como comprometimento de vida. É uma declaração definitiva de compromisso: “Senhor, eu quero viver a tua vontade”. Esperava-se que século XX fosse o século das luzes, quando a razão e ciência libertariam o homem das superstições e o levariam à real felicidade, a um paraíso terreno, todavia já no terceiro milênio, os indivíduos e a sociedade encontram-se mergulhados numa das mais profundas frustrações e mais confusos que em qualquer outro tempo da história da humanidade. As pessoas estão buscando intensamente soluções para o vazio que invade suas almas. Recursos materiais, educação, cultura, satisfação do apetite carnal não bastaram para preencher esse vazio e como resultado desta desesperança, vem o ceticismo, o envolvimento com drogas, o crescimento da violência e da imoralidade. Há uma total falta de compromisso, de fidelidade, de honra. Vive-se sem ideal, não há uma ideologia para viver. Não podemos deixar de reconhecer a grandiosidade de Deus, sua magnitude,

sua transcendência diante de tantos fatos. É impossível não reconhecer Seu poder, sua ação misericordiosa na condução de tudo e todos que fazem parte da Sua Igreja. A celebração ao Pastor dos pastores envolve a disponibilidade incondicional. Muito mais que uma expressão, tem que haver o comprometimento com “Eis aqui o teu servo”. Colocar-se ao dispor do Senhor incondicionalmente, mesmo desconhecendo os desafios. Precisamos ter a mesma disponibilidade de Isaías demonstrada no capítulo 6. “Aqui estou eu, envia-me”. Às vezes, deixamos de nos disponibilizar para o serviço do Senhor porque questionamos nossa capacidade. O Senhor nos usa independente de nossa idade, de nosso saber intelectual, de nossas limitações, pois para o Senhor não há limitações. Deus chamou a Abrão para sair da sua terra e do meio da parentela e se tornar uma grande nação (Gn. 12.1), Deus chamou Moisés para libertar o povo do Egito (Ex. 3). Deus chamou Samuel para ser o sacerdote (I Sam. 3.4), Deus chamou Saulo no caminho de Damasco (At. 9.4), Deus chamou você para realizar uma grande obra onde você está, para que muitos possam celebrar com júbilo ao Senhor. Esta é forma de celebrar o Pastor dos pastores, ou seja, entregando sua vida para que seja usada por ele quando e onde ele definir. Muitas vezes, você pode não ser reconhecido, pode não receber nenhum cumprimento. Importa celebrar o nosso supremo Pastor. Nossa meta é sermos semelhantes ao Mestre. Estamos conscientes de que nunca superaremos nosso Mestre, mas somos desafiados a sermos semelhante a Ele. Celebremos, pois com nossa vida ao Pastor dos pastores. Pr Sócrates Oliveira de Souza Diretor Executivo da CBB


5

O Batista Pioneiro | Novembro/Dezembro de 2020

AOS SEUS PÉS “...Prostrando-se, O adoraram” Mt 2.11 Como os magos do Oriente, queremos nos prostrar adorando ao Senhor, revelando por meio deste gesto singular, nosso reconhecimento e gratidão, pelo Seu poder, amor, misericórdia, fidelidade e graça, dispensados a todos nós em mais um ano. “prostrou-se em terra; e orava para que, se possível, lhe fosse poupada aquela hora.” Mc. 14.35. Mas também, seguindo o exemplo de Jesus, queremos nos prostrar buscando a presença do Pai por meio de pedidos de compaixão, submissos à Sua vontade e governo, reconhecendo nossa limitação e dependência. Os acontecimentos do ano de 2020, apesar de nos forçarem a cancelar muitos planos e instaurarem um clima de insegurança, medo e grandes desafios nunca enfrentados anteriormente por nossa geração, relacionados à inesperada situação global, instalada pela pandemia do COVID 19, nos proporcionaram profundos e novos aprendizados em nossa vida de intimidade com Deus. Que possamos valorizar e eternizar em nossa memória os momentos que nos conduziram aos Seus pés. Mesmo que tenham sido expressados apenas em uma atitude interior, por meio de um coração humilde e sincero, pois quem sabe as forças e condições físicas nem permitiram expressar corporalmente. Na Palavra de Deus, encontramos muitos episódios de pessoas que tiveram essa atitude. De acordo com suas experiências, podemos confirmar que:

- Aos Seus pés, receberam consolo, instrução, perdão, exortação, renovação, edificação, cura, promessas e muito mais... - Aos Seus pés, demonstraram louvor, gratidão, reverência e exaltação. Isso nos mostra que podemos estar aos pés do Senhor em diferentes situações, em momentos de riso e de luto, de força e de fraqueza. Talvez ainda continuaremos privados por um período, não podendo celebrar os momentos importantes com festas, junções com nossos queridos ou em livre e irrestrita comuhão em nossas igrejas. Mas com certeza, a melhor maneira de comemorarmos o Natal, encerrarmos o ano de 2020 e vivermos o novo ano é aos Seus pés,

em rendição e honra a Deus. ”O lugar mais sublime e a posição mais elevada é aos Seus pés.” Que o seu e o meu Natal e ano novo sejam repletos de momentos assim. “Vinde, adoremos e prostremo-nos; ajoelhemos diante do Senhor, que nos criou” Sl 95.6 Iris Scholl Beuter Presidente da JUFEMI


6

SERVIR A DEUS POR MEIO DA VOCAÇÃO: UM DESAFIO E UM PRIVILÉGIO

Ijuí, RS - No Encontro Vocacional, os participantes conhecem a Faculdade Batista Pioneira e recebem orientações para tirar suas dúvidas sobre o chamado e sobre a instituição. Isso de fato aconteceu, só que de forma on-line, no dia 10 de outubro. Como disse o Diretor da FBP, Pr. Claiton Kunz, em sua saudação no início da programação, desta vez foi a FBP que foi até a casa dos participantes. Ele citou o texto de Atos 13.2-3, dizendo que Deus chama aqueles que já estão de alguma forma envolvidos na obra, como ocorreu com Barnabé e Saulo. Deus chama quem Ele quer, quando Ele quer e para aquilo que Ele tem preparado para a vida de cada um. Ainda sobre o chamado, tanto o Pr. Lierte Soares quanto o Pr. Luiz Sayão destacaram que ele abrange todos aqueles que foram alcançados pela graça. Segundo o Pr. Lierte, a profissão que temos é um “disfarce” que Deus nos deu para proclamar o evangelho. Porém, se há problemas no mundo que tiram nosso sono, Deus pode estar nos chamando para servi-lo nisso. Já o Pr. Sayão abordou a história de dois personagens bíblicos: o jovem Isaías, chamado num momento de crise pessoal e internacional, e o destemido Pedro. Diante da maravilhosa revelação de Deus, o primeiro reconheceu sua fraqueza; já o segundo confiava em sua própria força e teve de aprender da forma mais difícil que é pelo poder de Deus que é possível fazer algo para Ele. Ao restaurá-lo, Jesus mostrou que o ministério significa restaurar pessoas dependendo do agir extraordinário de Deus. Sayão também mencionou que a obra de Deus é uma continuação de Hebreus 11: gente que construiu a história sob a graça de Deus. Após esta segunda mensagem, o Pr.

Josemar Modes (Coordenador de Graduação) desafiou os participantes a reconhecer quem Deus é e a dedicar suas vidas a Ele, pois quando entendemos que Ele é Senhor, entendemos nosso lugar (somos limitados e pequenos) e percebemos a necessidade do mundo ao nosso redor. Após a exibição de um recorte de uma pregação de David Wilkerson sobre a necessidade de nos angustiarmos com a situação atual, assim como aconteceu com Neemias, e obedecermos a Deus, o Pr. Josemar enfatizou que nada neste mundo substitui o sentimento de sermos úteis no Reino, de estarmos fazendo a vontade de Deus exatamente no lugar onde Ele quer. Também foram apresentados testemunhos de alunos sobre suas experiências no próprio Encontro vocacional, os motivos de gostarem de estudar na FBP (ênfase na Bíblia como Palavra de Deus, imparcialidade diante de teorias controversas e capacitação prática), o desafio da distância da família e do sustento e a participação no projeto Wake Up. Alguns alunos também apresentaram o campus num tour virtual. Houve dois momentos de louvor e duas breves aulas (cada participante poderia optar por duas disciplinas, para que pudessem ter uma ideia de como é um curso de Teologia: Hermenêutica, Música na igreja, Evangelismo, Doutrinas bíblicas básicas e Teologia sistemática). O Pr. Natan Martins (Coordenador de comunicação e marketing) fez uma entrevista com os professores, que se apresentaram, disseram que disciplinas lecionam e indicaram livros que marcaram sua história e os escritos por eles. Os participantes também puderam esclarecer dúvidas sobre os cursos oferecidos e as possibilidades de mora-

Pr. Lierte.

Pr. Luiz Sayão.

dia e sustento. Muitas informações também foram repassadas por meio de um vídeo: as ênfases da FBP e sua destacada posição nacional, o que acontece durante o curso e o que é necessário para o ingresso, sobre o Wake Up e o Programa de Capacitação Ministerial. Tudo foi feito sabendo-se que Deus pode usar vídeos, mensagens, testemunhos, músicas, orações, aulas, conversas, desafios e informações para mostrar Sua vontade – que é o propósito principal deste evento. Acima de tudo, os participantes foram convidados a dedicar suas vidas ao Senhor, pois é a partir disso que Ele mostra onde e como podemos servi-lo. Vanessa Tiede Weiler Ribas - Jornalista voluntária


7

O Batista Pioneiro | Novembro/Dezembro de 2020

PRODUÇÃO DE DEVOCIONAIS

Ijuí, RS - Há um crescente envolvimento dos nossos alunos na elaboração de materiais devocionais para crianças e adultos. No ano de 2019 e agora neste ano, os alunos escreveram uma série de devocionais para juniores, disponíveis em aplicativo e e-book. Também, produziram um

plano de leitura devocional publicado pela Life.Church no seu aplicativo YouVersion, com mais de 1600 acessos. A expectativa é ampliar a quantidade de planos de leitura devocional, com temas diversos, compartilhando o conteúdo das aulas com as pessoas que estão à nossa volta. Pr. Josemar Modes Coordenador de Graduação na FBP

MEDITAÇÕES DO ENTARDECER - O SENHOR DO REINO

N

uma leitura específica do Novo Testamento anotei que Jesus é chamado de Salvador 14 vezes e Deus, o Pai, 3, num total de 17 referências. Como Senhor, Jesus é descrito 486 vezes e Deus, o Pai, 173, perfazendo 659 alusões. O Ser Divino é identificado como Salvador da alma apenas 17 vezes, mas como Senhor da vida 659 vezes. As pessoas não veem a nossa alma; veem a nossa vida. Quando dizemos que Jesus leva a alma ao céu, as pessoas olham para nós querendo ver a diferença que isso faz na vida aqui. Há os que pensam que o Reino de Deus só se encontra na outra vida. Após a morte é que se entra nesse Reino. Mas o Reino Terreal é que qualifica para o Celestial. Só viverá com o Senhor do Reino lá, quem vive fiel a Ele aqui. Nossa Teologia da salvação tem que ter o foco no Senhor do Reino. Salvação é mais do que libertação de domínio; é mudança de domínio: “O Pai nos perdoou e nos transportou do poder das trevas para o Reino da luz. Ele nos trouxe para o Reino do seu Filho amado”. – Colossenses 1:12-13. Jesus é o Senhor do Reino, em quem a pregação apostólica estava centrada: “Creia no Senhor Jesus e você será salvo” – Atos 16:31. Naquele tempo, decidir seguir a Cristo não era só levantar a mão, significando: “sim, eu aceito Jesus como o meu Salvador pessoal”. O que essa pessoa afirmava é que se comprometia com Jesus como o Senhor de sua vida. Daí algumas conclusões práticas: 1. Há só 3 referências à Igreja nos 4 Evangelhos: Mateus 16:18 e 18:17, mas 112 vezes a recorrência da expressão Reino de Deus ou Reino do céu ou Reino. Só depois de estabelecer o seu Reino e definir grandes ensinos sobre ele é que Jesus instituiu a Igreja para agregar e aperfeiçoar os súditos do seu Reino. 2. Muita gente há nas Igrejas que não faz parte do Reino de Deus. Igreja apenas como saudável encontro social. 3. É fácil saber se alguém pertence ao Reino de Deus ou não. Nem é preciso submetê-lo a um rigoroso teste teológico. Basta observar se ele pratica o ensino de Jesus, resumido nesta frase: FAZER A VONTADE DE DEUS. Pastor Oswaldo Mancebo Reis


8

Nov/Dez Ano 2020

PENSENISSO

Presente para a vida inteira

Imagine que você pode ganhar um presente que dure a sua vida inteira. O que poderia ser? Uma roupa? Você iria crescer e a roupa não serviria mais. Chocolate? Em algum momento irá mofar. Um celular? A tecnologia avança tão rápido que depois de pouco tempo ele já não serve mais.

Deus também tem um presente para nós que vale pela vida inteira e até mais que isso: um tesouro no céu. Lucas 12.33 diz que lá não chega ladrão nem corrosão. E como podemos ganhar este tesouro? A resposta está no começo do versículo: Não guarde objetos e riquezas para si – dê a quem precisa.

O rei Josias soube dar ao seu povo um presente que durasse a vida inteira. Em 2Reis 23.25 diz assim: “Nem antes nem depois de Josias houve um rei como ele, que se voltasse para o Senhor de todo o coração, de toda a alma e de todas as suas forças, de acordo com toda a Lei de Moisés.” Josias, além de reconstruir o templo e celebrar a páscoa como a lei mandava, amou a Deus de todo o seu coração, toda a sua alma e todas as suas forças. Com isso, ele levou muito povo de volta para Deus. Como recompensa, ele é lembrado até hoje. Isso foi um grande presente!

Você gostaria de ser lembrado pelos outros por muito tempo? Faça como Josias:

Versículo Ilustrado

Lucas 12:34

Onde está o seu

TESOURO, aí está o seu CORAÇÃO.

AME A DEUS ACIMA DE TUDO E IMPORTE-SE COM OS OUTROS AO SEU REDOR.


9

O Batista Pioneiro | Novembro/Dezembro de 2020

INFANTIL CALENDÁRIO DE NATAL É final do ano, tempo de se preparar para o natal. Como todo ano, temos uma sugestão para você contar os dias em dezembro até a chegada do natal. Cada estrela contem uma pequena surpresa. Você abre uma caixinha por dia. Quando tiver aberto todas, chegou o natal! Bom divertimento ao fazer este calendário e ao contar os dias para o natal.

Material necessário:

Modo de fazer:

-

1 - Recorte e cole o anjo na nuvem de acordo com o molde. Dobre o tamanho do molde, para que ele cubra o cabide.

Cartolinas coloridas nas cores amarelo, branco e bege Cordão (se for dourado, fica mais bonito!) Um cabide (tipo lavanderia) Tesoura, cola, fita adesiva, lápis e borracha Surpresas (peça para alguém colocar para você, senão não é mais surpresa!)

Sugestões de surpresas: -

Balas ou bombons Fivelas para o cabelo Chaveiros Borrachas decoradas Apito Carimbos Vale para um momento em família lendo uma história Enfeites para a árvore Etc.

Vale tudo que cabe na caixinha.

2 - Recorte 24 estrelas e caixinhas. Monte as caixinhas e cole-as sobre as estrelas, com a abertura da caixa para cima. Numere as caixinhas. Dobre também o tamanho das estrelas e caixinhas. 3 - Passe o cordão pelas estrelas e amarre-o no cabide. Procure pendurar as estrelas em comprimentos diferentes, para ficar mais interessante. Não pendure as estrelas na ordem dos números. Deixe-os misturados. 4 - Fixe o anjo na nuvem sobre o cabide com fita adesiva, escondendo o cabide. 5 - Peça para alguém encher as caixinhas para você. Bom divertimento!


10

H

A BÍBLIA AINDA ESTÁ VALENDO OU PRECISA SER ATUALIZADA?

á diversos aspectos que demonstram que as Escrituras são um livro singular. A Bíblia foi escrita durante um período de aproximadamente 1500 anos, por cerca de 40 autores diferentes, em diversos lugares, e, no entanto, é um só livro, com mensagem única e incomparável. Além disso, fala com igual facilidade do conhecível e do impossível de conhecer, do agradável e do desagradável, dos sucessos e dos fracassos do ser humano, do passado e do futuro. Poucos livros abrangem tal amplitude de temas e tempo; nenhum livro pode ser comparado à Bíblia. Entretanto, de tempos em tempos surgem pessoas questionando a validade da Bíblia, sugerindo que a mesma precisaria ser atualizada. Recentemente tivemos uma polêmica sobre isto, envolvendo um conhecido líder eclesiástico. Diante disso, precisamos nos perguntar: se a Bíblia é um livro tão antigo, será que, de fato, não estaria na hora de alguma atualização, já que em todas as áreas, seja na literatura, nos programas do computador ou nos aplicativos do celular, constantemente fazemos atualizações? Para chegarmos a uma resposta, talvez nos ajude entendermos como a Bíblia surgiu. O ser humano jamais seria capaz de chegar a Deus para conhecê-lo. Somos limitados demais para isso. Havia uma única possibilidade: Deus precisava se revelar. E foi exatamente isso que Ele fez. Deus revelou-se de duas formas: de forma geral, através da Criação (Rm 1.19-20), da História (Dn 2.21) e da Consciência humana (Jo 1.4,9); e, de forma especial, que é o desvendamento que Deus faz de si mesmo, dentro da história da salvação (Heilsgeschichte), através de sonhos, visões, teofanias, anjos, profetas, apóstolos, milagres e do próprio Cristo (Hb 11.1-3). Além destes meios de revelação, acrescentam-se também as Escrituras, que por um lado são o registro das revelações para as gerações seguintes, mas por outro lado são elas mesmas uma revelação especial para nós hoje, pois foi o próprio Deus que ordenou o seu registro (Êx 17.14; 34.27). Após a revelação de Deus, foi necessário o processo de inspiração, que é a “influ-

ência sobrenatural, exercida pelo Espírito Santo, sobre homens divinamente escolhidos, em virtude da qual seus escritos tornaram-se fidedignos e autoritários” (2 Pe 1.21). Esse processo foi finalizado com a canonização, que é o processo pelo qual a Bíblia recebeu sua aceitação definitiva, ou seja, os livros incluídos nela são considerados partes integrantes de uma revelação completa e divina, e que, portanto, são autorizados e obrigatórios em relação à fé e à prática. Mas Deus também garantiu a preservação da Sua Palavra no decorrer da história. Os céus e a terra passarão (2 Pe 3.10), mas a Palavra de Deus permanecerá (Mt 24.35). Em Isaías 40.8 lemos que “a relva murcha, e as flores caem, mas a Palavra de nosso Deus permanece [yaqum] para sempre”. A ideia do termo hebraico yaqum é “subsistir ou levantar-se”; a figura de alguém que está prostrado e esmagado, mas fica de novo em pé. Assim é a Palavra: embora esmagada, perseguida, maltratada ou atacada, erguer-se-á, ficará de pé e permanecerá para sempre. Quando pensamos no fato de a Bíblia ter sido objeto especial de infindável perseguição, a maravilha da sua sobrevivência se transforma em milagre. Por dois mil anos, o ódio do ser humano pela Bíblia tem sido persistente, determinado, incansável e assassino. Todo esforço possível tem sido feito para corroer a fé na inspiração e autoridade da Bíblia, e inúmeras operações têm sido levadas a efeito para fazê-la desaparecer. Mas será que a Bíblia ainda tem autoridade hoje? A autoridade da Bíblia está vinculada à inspiração, canonicidade e credibilidade, sem as quais a autoridade da Bíblia não se estabeleceria. Assim, por ser inspirado, determinado trecho bíblico possui autoridade; por ser canônico, possui autoridade; e por ter credibilidade, possui autoridade. Na própria Bíblia, pode-se perceber a autoridade das Escrituras, pois Jesus a reconheceu, citando-as abundantemente (Mt 11.10; Lc 22.37; 24.25-27), sujeitando-se a elas (Mt 4.4,7,10), aceitando seus milagres (Jo 3.14), suas profecias (Mt 11.10) e sua ética (Mt 5.17), assim como também os apóstolos reconheceram a autoridade das Escrituras (At 2.16-21; 3.22-25; Rm 1.2).

Podemos nos sujeitar às Escrituras porque cremos no princípio da Inerrância da Bíblia. Isso significa que a verdade é transmitida em palavras que, entendidas no sentido em que foram empregadas e entendidas no sentido que realmente se destinavam a ter, não expressam erro algum.

A inspiração garante a inerrância da Bíblia. Inerrância não significa que os escritores não tinham faltas na vida, mas que foram preservados de erros os seus ensinos. Eles podem ter tido concepções errôneas acerca de muitas coisas, mas não as ensinaram; por exemplo, quanto à terra, às estrelas, às leis naturais, à geografia, à vida política e social, etc. A inerrância não nega a flexibilidade da linguagem como veículo de comunicação.

Além disso, também precisamos admitir que as Escrituras são necessárias, ou seja, a Bíblia é necessária para se conhecer o evangelho, para conservar a vida espiritual e para conhecer a vontade de Deus. Paulo afirma que “a fé vem por se ouvir a mensagem, e a mensagem é ouvida mediante a palavra de Cristo” (Rm 10.17). De acordo com esta afirmação paulina, está claro que as pessoas não podem crer em Cristo, a menos que tenham ouvido falar dele e não ouvirão falar de Cristo, a não ser que alguém lhes fale/pregue sobre Ele. A conclusão é que, sem a pregação do Evangelho de Cristo, contido nas Escrituras, ninguém pode ser salvo. Finalmente, precisamos entender que as Escrituras são suficientes, pois a Bíblia contém todas as palavras divinas que Deus quis dar ao seu povo em cada estágio da história da redenção e que hoje contém todas as palavras de Deus que precisamos para a salvação, para que, de maneira perfeita, nEle possamos confiar e a Ele obedecer. Os textos bíblicos que afirmam que nada podemos tirar ou acrescentar nas Escrituras nos ajudam a entender que elas são suficientes (Dt 4.2; Pv 30.5-6; Ap 22.18-19). Da Reforma, herdamos o princípio da “Sola Scriptura” (somente as Escrituras), que traz algumas implicações bem práticas para a vida cristã: • Como somente as Escrituras são a autoridade para nossas vidas, nenhuma experiência pessoal ou doutrina eclesiástica deveria ser acrescida ou equiparada à Bíblia. • Como as Escrituras são suficientes para o cristão, é na Bíblia que deveríamos procurar as orientações e exortações para nossa conduta cristã. • Como as Escrituras são a autoridade final em termos de mostrar a vontade de Deus, elas deveriam estar sempre em nossa prioridade de leitura, estudos e vivência. • Como as Escrituras são a revelação completa e perfeita de Deus, nada deveria ser exigido de um cristão que não esteja expresso explícita ou implicitamente na Bíblia. • Como a Bíblia é a Palavra expressa de Deus, não crer ou não obedecer às Escrituras é o mesmo que não crer ou não obedecer a Deus. • Como a fé vem pelo ouvir a Palavra de Deus, deveríamos fazer todo esforço possível para que as Escrituras chegassem a todas as pessoas. • Como a Bíblia é a Palavra de Deus, deveríamos ter um zelo extremo e uma profunda responsabilidade em termos de interpretar corretamente as Escrituras. Meu desejo pessoal é que cada leitor das Escrituras Sagradas encontre o Deus que se revelou graciosamente através delas e que tenha disposição suficiente para viver da forma como a Bíblia nos desafia a viver. As Escrituras, e somente as Escrituras, são a nossa única regra de fé e prática. Por isso, eu creio em Sola Scriptura! E que não precisa ser atualizada! Pr. Claiton André Kunz Diretor da Faculdade Batista Pioneira


11

O Batista Pioneiro | Novembro/Dezembro de 2020

COMO SERÁ O NATAL NA SUA CASA?

N

aquele tempo houve uma tal pandemia que mudou o jeito de se relacionar com as pessoas à nossa volta e no cenário mundial. Alguns diziam que o mundo parou e outros, que turbinou. Em questão de poucos dias, até o pessoal da terceira idade migrou para a vida digital. Tudo bem, seus netos deram uma força e quem não conseguiu acompanhar, participou mesmo assim. Foi naquela época que as muitas igrejas passaram do espaço físico dos templos para as telas de smartphones e computadores. Depois juntaram os dois formatos e aumentam exponencialmente a participação nos cultos e eventos das igrejas. Chegavam notícias difíceis de receber pelos meios de comunicação. E, principalmente, quando vinham de parentes e amigos próximos informando que alguém dos nossos queridos foi levado por um vírus que desafiou os cientistas. Protocolos de higiene, aulas presenciais suspensas, home office e um aprendizado precioso demais para passar despercebido: o valor das pessoas! Era inevitável não considerar a possibilidade de perder alguém querido ou se deparar com o fim da nossa vida, pois ninguém estava imune de ser infectado. As autoridades locais recomendavam que pessoas ficassem em casa, com a família. E sabe o que aconteceu? As pessoas ficaram mais próximas dentro de casa e conectadas no que chamavam de “novo normal”. Apareceu tempo para fazer coisas que antes não cabiam na agenda. No Brasil, milhões de pessoas foram à internet semanalmente procurar a esperança de dias melhores, em Jesus! É incrível como o sofrimento muda o co-

ração das pessoas, tornando-as mais solidárias e voluntárias. O Natal naquele ano foi inesquecível. Estávamos em família e com uma vizinha que morava sozinha, mas era de casa para nós. Minha família não era convertida. Estávamos tão felizes por estar juntos e eu pude ler, antes da ceia, um texto das Escrituras Sagradas que dizia assim: “O povo que caminhava em trevas viu uma grande luz; sobre os que viviam na terra da sombra da morte raiou uma luz. [...] Porque um menino nos nasceu, um filho nos foi dado, e o governo está sobre os seus ombros. E ele será chamado Maravilhoso Conselheiro, Deus Poderoso, Pai Eterno, Príncipe da Paz. Ele estenderá o seu domínio e haverá paz sem fim sobre o trono de Davi e o seu reino, estabelecido e mantido com justiça, e retidão, desde agora e para sempre. O zelo do Senhor dos Exércitos fará isso.” Is 9.2,6 e 7. Não sei o quanto seus corações estavam abertos para receber a Palavra de Deus, mas percebi a oportunidade e compartilhei o ensino do texto bíblico da seguinte forma : A profecia foi feita por Isaías, no século VI a.C., apontando para o nascimento do Salvador, Jesus Cristo. A luz representa a salvação oferecida também aos não judeus, ou gentios. Mas pode ser entendida, em todos os tempos, como pessoas não pertencentes ao povo de Deus; por não reconhecerem o Deus Criador, adorando-o como o seu único Deus. O nascimento de Jesus foi um convite feito a todos. Mesmo o Deus onisciente, sabendo que nem todos o aceitarão. O menino da profecia é chamado de filho que tem sobre os seus ombros o governo, portanto, um filho pertencente à realeza. Um descendente do rei Davi, conforme a sua genealogia, descrita em Mt 1.1-17. Os judeus aguardavam a vinda do Messias (salvador, libertador), da linhagem de Davi. Maravilhoso Conselheiro porque o Messias tem o poder de estabelecer um plano de ação e o realizar plenamente. Vale a pena ler o capítulo 11 de Isaías, onde o referido plano é detalhado. Deus Poderoso destaca o seu poderio como guerreiro, com poder divino para estar à frente das batalhas, inclusive as nossas batalhas até hoje. Pai Eterno representa sua condição de protetor e provedor que ultrapassa os limites do tempo, na história. Ele sempre o será, eternamente atuando com compaixão.

Príncipe da Paz nos revela que Ele trará a cura e a convivência saudável às pessoas, em sociedade, no âmbito global. Proporcionada a todo o seu povo. Esta é a vida em abundância, ensinada por Jesus: ‘O ladrão vem apenas para roubar, matar e destruir; eu vim para que tenham vida, e a tenham em abundância’. Jo 10.10 O texto acima termina mencionando a justiça contínua, característica do governo do esperado descendente de Davi. E zelo é o cuidado de Deus que nunca abandonou, nem abandonará o seu povo. Eu lhes expliquei que Jesus sempre vem ao nosso encontro, pois quer nos proporcionar uma vida de qualidade aqui, agora e na eternidade. Venha do jeito que você está, é o convite. Todos ouviram atentamente. Depois oramos juntos, para agradecer a deliciosa ceia. Após a ceia, houve a troca de presentes. Foi legal ver que as coisas ficaram na ordem certa na noite de Natal. Primeiro refletimos sobre a importância de se comemorar o Natal. Depois, apreciamos a alegria da convivência com as pessoas que fazem parte da nossa vida. Estarmos reunidos em torno do verdadeiro sentido do Natal foi o melhor presente que já recebi. Fabiana Silvestrini Bíblia de Estudo NVI / organizador geral Kanneth Barker; coorganizadores Donald Burdick... [et al.]. - São Paulo: Editora Vida, 2003.


12 MARCOS DA PANDEMIA E NOSSA REAÇÃO À CRISE


13

O Batista Pioneiro | Novembro/Dezembro de 2020

NÚCLEO EM IJUÍ RECEBE DOAÇÕES Ijuí, RS - Nos aproximamos do final de um ano atípico. A pandemia fez com que encerrássemos as atividades do Núcleo Social, serviço de convivência e fortalecimento de vínculos mantido pelo Lar da Criança, em 18 de março, não retornando desde então. Assim, preocupados com a situação das famílias dos usuários, lançamos campanhas nas mídias sociais institucionais solicitando a doação de alimentos e material de limpeza/higiene para distribuir às famílias mais carentes. O retorno foi excelente e muitas pessoas e empresas colaboraram permitindo então que realizássemos a distribuição. Também recebemos doações de cestas básicas da Secretaria do Desenvolvimento Social de Ijuí adquiridas através do repasse financeiro emergencial do Governo Federal, conforme Portaria 369 do Ministério da Cidadania, distribuídas para todas as famílias do Núcleo Social e Casa Ágape. A equipe do Núcleo também realizou atendimentos individualizados, seguindo todos os protocolos de saúde; encaminhamentos para atendimentos de oftalmologista e psicóloga e vídeos para as crianças e adolescentes, manifestando o carinho, a saudade e refor-

çando os cuidados necessários para evitar o contágio do COVID-19. A equipe tem orado pelas crianças e adolescentes e suas famílias e realizado contato via telefone ou WhatsApp para saber como estão, orar junto e conversar. PROJETO CONTEMPLADO Em outubro, com grande alegria, recebemos os itens advindos de projeto encaminhado à Central do Dízimo (www.provida.org.br) do qual fomos contemplados: 01 bebedouro industrial de 100 litros; 02 climatizadores 24 BTUs; 01 batedeira industrial 12 litros; 01 liquidificador industrial 10 litros; 01 fogão industrial com 8 bocas; 8 mesas em fórmica juvenil para refeitório com 10 lugares; 01 home theater; 01 amassadeira de 10 kg e 15 microcomputadores. NATAL Para o Natal faremos a distribuição dos presentes e dos lanches no dia 11 de dezembro à tarde, seguindo as recomendações e os protocolos exigidos. Assim, não teremos a tradicional festa de Natal, promovida pela BPW (Mulheres de Negócios e Profissionais) e realizada juntamente com os demais lares do município. As crianças, adolescentes e os residentes da Casa Ágape já escreveram suas cartinhas, já distribuídas na comunidade, com excelente adesão! MOTIVOS DE ORAÇÃO: - Pela vida das crianças, adolescentes, suas famílias e os moradores da Casa Ágape; - Pelo sustento financeiro do nosso Lar; - Pela vida e pela família dos colaboradores e direção. GRATIDÃO: - Ao Senhor da obra, pelo sustento, amparo, cuidado e provisão diários;

AMOR PRÁTICO EM MEIO À PANDEMIA

Festa dos aniversariantes.

Diadema, SP - A pandemia vulnerabilizou ainda mais a comunidade que atendemos deixando evidente a fragilidade das famílias, bem como, das crianças e adolescentes que, além das dificuldades materiais que a falta de empregos gerou, especialmente os informais “bicos”, estão, neste momento, mais expostos à violência doméstica, aos abusos e às crises emocionais, como ansiedade e depressão. O Núcleo tem trabalhado, com sua equipe, atendendo essas famílias através de ligações telefônicas e das mídias sociais, assim como, levando as atividades e ensino bíblico até os lares dos atendidos. Além disso, tem suprido as necessidades das famílias levando alimentos e produtos de higiene. Necessidades especiais, como: aconselhamento, orientações, compra de medicamentos e outras, também têm sido realizadas pela instituição. A gratidão das crianças e seus familiares é nítida. Regulamente recebemos mensagens e ligações agradecendo o atendimento e cuidado com as famílias neste momento atípico. Compartilhamos, duas das mensagens recebidas: “O Núcleo pra mim é como uma família,

é meu apoio neste momento e sempre. Sempre cuidou bem da minha filha, que ama o Projeto. Sempre me ajudou em vários procedimentos médicos e agora na pandemia, descobri uma leucemia, o Projeto está me ajudando pois o tratamento que faço é muito longe, e o processo de quimioterapia me deixa muito fraca. O projeto está me acompanhando, e também disponibiliza um carro para me levar nos atendimentos médicos. Como não tenho familiar próximo, o Núcleo se tornou a minha família. Também agradeço os alimentos que recebo sempre e as orações, confio em Deus que vou vencer.” (Mensagem de Luiza Quintiliano Alves de 38 anos, mãe da atendida Heloiza Mariana Alves dos Santos de 10 anos).

- A todos que contribuem, doam, ofertam financeiramente e oram pelo nosso Lar/ Núcleo Social. Liane H. Perine Secretária

Respectivamente: climatizador; refeitório; novo bebedouro; NSI.

vários ambientes, manutenções e limpezas foram realizadas enquanto o espaço estava ocioso. Somos imensamente gratos a Deus pelo sustento e proteção. Durante o ano conseguimos atender regularmente 183 famílias, cerca de 750 crianças, adolescentes, jovens e adultos. E, embora muitos de nossa equipe tenham contraído a COVID-19, todos se recuperam e continuam se dedicando à missão da Instituição. Somos gratos por todas as doações, apoio, orações, voluntariado e parcerias. Muito obrigada! Simone Heimann Almeida Diretora do NSD e Coordenadora da Junta de Serviço Social

Grafite no muro externo.

“Tias e tios, agradeço por tudo que fizeram por mim, pela minha irmã e pela minha família. Vocês ajudaram muito nos momentos difíceis, agradeço também pela cesta básica, porque no dia que vocês trouxeram nós estávamos sem comida em casa. Então, agradeço muito a vocês. Muito obrigado Tabea, por tudo que vocês já fizeram por mim e por outras crianças. Obrigado por me aproximarem de Deus e me ensinarem coisas que eu vou levar pra vida inteira. Amo vocês de todo o meu coração. Um beijo! (Mensagem da Jennefer Sabrina da Silva de 11 anos) Além de todo o atendimento na área social e espiritual, como Instituição, utilizamos esse período de distanciamento social para realizar reformas e melhorias em nosso espaço físico. Pintura de

Entrega de cestas básicas às famílias.

NSD.


14 CADA ADOLESCENTE UM DISCÍPULO DE JESUS

Santa Cruz do Sul, RS - No Salmo 119.9 o salmista escreveu: “Como pode um jovem conservar pura a sua vida? É só obedecer aos teus mandamentos”. Paulo, em 1Tm 2.4, também escreve: “Ele quer que todos sejam salvos e venham a conhecer a verdade” (NTLH). Tenho certeza que nossa luta aqui na Congregação Batista Pioneira Novo Ser, em Santa Cruz do Sul, em atrair os adolescentes para ouvir a Palavra de Deus e levá-los a Cristo é também a luta de muitas igrejas. O início foi difícil. Havia muitos desafios. Tínhamos um grupo em torno de 6 a 8 adolescentes, sendo 2 meninas apenas. Porém, com muita oração e empenho dos líderes, Deus está atraindo outros meninos e meninas. Tem sido um desafio competir com os atrativos que a internet oferece, como vídeos, filmes, jogos online, youtubers, sem contar o grupo de “amigos”, entre outros, que competem diretamente com a programação de nossas igrejas. Tenho certeza de que os pastores e os líderes de adolescentes estão procurando fazer o melhor, buscando alternativas que sejam atrativas e edificantes para a vida deles, sem deixar de explorar a alegria e a vitalidade dos adolescentes. A “virada de chave” aqui para nós, aconteceu, quando um casal de nossa congregação, o Felipe, que está se preparando para o ministério pastoral, e sua esposa Jéssica assumiu a liderança dos adolescentes e passou a se dedicar exclusivamente para suas necessidades. Outro casal, Evandro e Elisandra, se juntou a eles para dar suporte. O resultado já pode ser visto. Passamos de 8 para 27 adolescentes, sendo 12 meni-

Culto.

nas e 15 meninos, que se encontram todos os sábados. Os temas estudados esse ano foram: O filho pródigo; o batismo; o que é crer em Jesus realmente; o melhor da vida (contra o suicídio); o fruto do Espírito, entre outros. Outra bênção é que dos 7 candidatos ao batismo neste final de ano, 4 são adolescentes. Oferecemos uma boa diversidade nas atividades aos sábados como: dinâmicas de grupo; decorar versículos dos devocionais da semana, muitas brincadeiras divertidas, ping-pong e práticas de esportes no ginásio esportivo do bairro. O grande desafio tem sido o de não deixar que essas programações se transformem no fim principal, mas que sejam momentos em que cada um tenha um encontro real com Cristo, pois, muitos deles ainda não entregaram a vida a Jesus. Nossa oração e objetivo central é levar cada adolescente a ser um discípulo de Jesus e frutífero no reino, levando outros a conhecerem a Jesus. Alguns deles estão em RD (relacionamento discipulador) com seus líderes, para em breve fazer parte da rede de discipulado na igreja. Tanto os meninos quanto as meninas participam do PGM todas as quartas-feiras. Quero pedir a cada leitor que se sente tocado, a orar pelos adolescentes de sua igreja e das nossas igrejas batistas Pioneiras. Ore para que Deus levante líderes comprometidos com o Senhor e sua Palavra para cuidarem, amarem e pastorearem suas vidas, com o objetivo de formar uma geração de discípulos multiplicadores do amor de Jesus. Pr. Eliseu da Cunha CBP Novo Ser

Esportes.

POSSE DO PR CLÁUDIO ECKERT E ESPOSA KARINA Santa Helena, PR - No dia 17 de outubro de 2020, com início às 19:30 h, tivemos um culto festivo de posse do Pr Claudio Eckert e sua esposa Karina. Tivemos a presença de representantes de várias igrejas da região, bem como, da JEVAM e da Convenção Batista Pioneira, dos quais alguns fizeram uso da palavra. A mensagem foi trazida pelo Pastor Martin Landenberger, ele que acompanhou a congregação durante o processo de sucessão pastoral. Durante aproximadamente um ano e meio, nossa Congregação esteve sem pastor, tempo esse que fomos assistidos por pastores da região, com o pastor e irmãos da igreja mãe (Marechal Cândido Rondon). Irmãos aqui de Santa Helena também não mediram esforços auxiliando na realização dos cultos, seja organizando, ministrando o louvor ou a Palavra de Deus, de forma que em momento algum foi cancelada a programação.

Somos gratos a Deus pela vida de todos que se dedicaram nessa causa e estamos alegres com o novo pastor para o nosso rebanho. Nosso desejo é que Deus derrame ricas bênçãos sobre o casal pastoral, seu trabalho e toda a igreja. Karla Freier Membro CBP Santa Helena


15

O Batista Pioneiro | Novembro/Dezembro de 2020

DEVOCIONAIS

Queridos irmãos, O ano de 2020 tem sido um ano cheio de lutas e desafios, mas também um ano de novas experiências e oportunidades para se proclamar a mensagem do evangelho, levando a muitas pessoas uma nova esperança, segurança e paz que somente Deus pode dar. Gostaríamos de compartilhar um testemunho sobre uma dessas oportunidades que vivenciamos nos últimos meses. Há 8 anos o Projeto Resgate tem trabalhado na distribuição gratuita de mais de 300 mil exemplares do livro “O Caminho para Deus” no Brasil (e em parceria, também em países de língua portuguesa e francesa na África). Este livro foi escrito pelo Pastor Hildor Boesel da Missão Maranatha na Alemanha e traduzido em vários idiomas, visando explicar o caminho da salvação de uma forma clara e baseada na Palavra de Deus. Através da mídia, ficamos sabendo que no meio da pandemia de Covid-19, o prefeito de cidade de Sarandi no Rio Grande do Sul, Sr. Leonir Cardozo, teve a iniciativa de realizar uma campanha de 7 dias de jejum e oração. As autoridades e moradores da cidade se uniram num grande clamor pela salvação, intervenção e proteção de Deus na pandemia. Essa notícia nos comoveu bastante e nos levou a entrar em contato com a secretaria da Prefeitura, com o intuito de parabenizá-lo pela iniciativa, a coragem e atitude de fé em clamar e proclamar o nome de Deus no meio do caos pandêmico. Nesse contato, conversamos também sobre nosso interesse de enviar exemplares do livro “O caminho para Deus” para o Prefeito, para que pudessem ser distribuídos aos funcionários da Prefeitura. Enquanto isso, o Pr. Luis Ritzel, da Igreja Batista Pioneira de Ronda Alta, que fica a 25 km de Sarandi, nos pediu um novo envio de livros “O caminho para Deus”, depois de ter recebido uma remessa dos mesmos quando ainda estava pastoreando a Igreja Batista Pioneira em Capão

da Canoa, que foram distribuídos na região. Ao prepararmos o envio dos livros para o Pr. Luis, ele se prontificou a receber também a remessa de livros para Sarandi e entregá-los pessoalmente na Prefeitura e ao prefeito. No momento da entrega dos livros, o Prefeito foi muito receptivo e chamou sua equipe de trabalho para participar com ele da reunião. O Pr. Luis pode fazer a entrega do livro pessoalmente para cada um e ainda orar por todos eles. Foi um tempo especial do mover de Deus. Deus continuou abrindo portas e, como resultado desta reunião em Sarandi, o Pastor Luis Ritzel recebeu a autorização para estar ministrando a capelania hospitalar nos hos-

pitais da região. Vemos Deus agindo muito além do que poderíamos imaginar. Que esse testemunho possa encorajar você a buscar novas oportunidades para levar o amor de Deus e a salvação em Jesus àqueles que estão ao seu redor! Somos muito gratos a Deus pelas portas abertas e por podermos fazer uma pequena parte na obra de proclamação do evangelho no Brasil! E nossa gratidão a pessoas dispostas a unir esforços pelo Reino de Deus, como o Pastor Luis Ritzel, a Convenção Batista Pioneira e tantos outros que tem colaborado e abençoado vidas juntos com o Projeto Resgate! Manfredo Winter.


16


O Batista Pioneiro | Novembro/Dezembro de 2020

17


18 DIA DAS CRIANÇAS NA EMANUEL

Panambi, RS - Outubro sempre é considerado um mês especial, principalmente para a Igreja Batista Emanuel. Todos os anos elaboramos programações diferentes durante o mês, e neste ano não poderia ser diferente. Apesar de todas as restrições e seguindo os protocolos, o Ministério Infantil da Emanuel (MInE) juntamente com os pastores, preparou um final de semana alegre para os nossos pequenos! No sábado, dia 10 de outubro, a partir das 14h, realizamos o “Drive Thru”. Os pais levaram seus filhos até o Parque Batista Emanuel e passaram por 5 bases, para doar brinquedos, retirar lembranças e atividades especiais para as crianças. Os brinquedos alcançados foram destinados às crianças carentes da cidade, assim embelezando o dia delas também. Para as crianças e professoras foi um momento muito emocionante e gratificante. No domingo à noite, realizamos um culto

para toda a família, com a temática “Emojis da Vida”. Pudemos refletir sobre a maneira que lidamos com nossas emoções através das músicas infantis, teatro e palavra do Pr. Dan Oliveira. Apesar de toda a distância, agradecemos a Deus por esta oportunidade de prestigiar as nossas crianças pelo seu dia. Estamos ansiosos pelo retorno da participação das crianças nas atividades da igreja. Mas, enquanto isso, preparamos um Culto Infantil Online todos os domingos, em nosso canal do YouTube, para que elas também possam cultuar a Deus à maneira delas. Jaqueline Bresch - Seminarista

1º ON-JUMER OESTE DO PARANÁ Cascavel, PR - Se para os adultos toda a pandemia já exigiu uma dose enorme da capacidade de reinvenção, imagina aos nossos pequenos juniores! Eles, que adoram o grupo, amam o encontro, agora também precisaram aprender a passar sem nossos famosos, disputados e animados “ENJUMER(es)”. Pensando em como criar uma alternativa, a regional Oeste do Paraná trabalhou com um evento totalmente online, que carinhosamente chamamos de “ON-JUMER”. Para que isso se tornasse realidade, Deus nos abençoou com uma grande equipe, composta pelos adolescentes de Igreja Batista Pioneira de Cascavel e Passo Fundo, além da equipe do estúdio da Igreja de Cascavel na produção dos vídeos e formulação das atividades; das músicas gravadas por Nova Santa Rosa e Guaíra e as artes do evento desenvolvidas pelo Pr. Jean de Guaíra. Contamos também com o apoio total da “Tia Ruth”, de Marechal Cândido Rondon e com ela, a liderança das igrejas da regional. Isso, sem tirar o apoio precioso do Pr. Josemar, líder de juniores da JUFEMI e da participação do Pr. Wagner Buteseke do Espírito Santo. Com o tema “Forte e corajoso”, estudamos princípios cristãos a partir de super heróis do universo cinematográfico. Nossos juniores estudaram, gravaram vídeos, construíram fantasias e principalmente, assimilaram princípios bíblicos para uma vida cristã sadia. Nossa gratidão à equipe de Cascavel e da regional Oeste do Paraná, pelo apoio recebido da Jufemi e pelos amigos e irmãos que acessaram, assistiram e entraram conosco no “ON-JUMER”! Pr. Everson Lopes

SUPERANDO A OFERTA PARA MISSÕES

Nova Santa Rosa, PR - Em final de setembro e início de outubro, realizamos a Campanha de Missões Nacionais na PIB em Nova Santa Rosa. Em cada semana trabalhamos um tema diferente para que a igreja entenda a importância de fazer missões e contribuir com as juntas missionárias da Pioneira, Nacionais e Mundiais. Os temas da campanha: “Eu Amo”, “Eu Multiplico”, “Eu Oro” e “Eu Reparto”, formaram um acróstico com a palavra AMOR. Cada semana a igreja foi desafiada a fazer algo para multiplicar o amor de Jesus às pessoas próximas. A equipe da EBD KIDS também entrou na campanha gravando histórias para as crianças, que reforçaram os valores tão importantes e que devem ser praticados no dia a dia, mas, infelizmente esquecidos por muitos. Desafiamos também a igreja a contribuir, estabelecendo um alvo para oferta de R$ 3.000,00. No mural da igreja, o mapa do Brasil dividido em regiões foi ficando

IGREJAS

colorido à medida que a oferta atingia o equivalente a R$ 600,00, correspondente a cada região do país. Assim, cada vez que se alcançava R$ 600,00 mais uma região do mapa do Brasil ficava colorida, até se completar com cores. Pela graça de nosso bom Deus, conseguimos mais que alcançar o alvo. O valor da oferta final resultou em três vezes o alvo estabelecido. Agradecemos a cada irmão e irmã da igreja que apoiou, contribuiu, orou e se dispôs a ajudar para que a mensagem da salvação em nosso país seja propagada pela Junta de Missões Nacionais. Dia 18 de outubro realizamos o Culto Especial de Missões Nacionais, com encerramento da campanha deste ano. Tivemos a alegria de receber o pastor e missionário José Gleidson Almeida da Silva, da cidade de Nova Olinda do Norte – Amazonas. Ele falou do trabalho de evangelização que estão realizando e de projetos futuros para alcançar o povo amazonense. É gratificante ver como a oferta de cada um, mesmo que seja pouca, faz a diferença na vida de tantas pessoas Brasil a fora. Que possamos, como igreja e pessoalmente, cada dia mais ir auxiliar, apoiar com orações e contribuições, dando suporte a e suprindo os missionários, para expansão do Reino de Deus. “Nós amamos porque Ele nos amou primeiro” 1 João 4.19. Daiane Z. Welke PIB em Nova Santa Rosa


O Batista Pioneiro | Novembro/Dezembro de 2020

CASAMENTOS DURADOUROS

FAMÍLIAS

19

FALECIMENTOS Ilga Braun 14/03/1937 – 02/09/2020 Panambi/RS – “Em verdade, em verdade vos digo que, se alguém guardar a minha palavra, nunca verá a morte” João 8.51. Ilga Braun, nascida Piching, nos deixou no dia 02 de setembro de 2020, para a glória celeste. Partiu em paz no nosso Senhor, em quem cria e confiava desde a sua juventude. Foi batizada no dia 07/10/1950, pelo pastor Oskar Horn. Casou-se com Werner Braun (in memoriam), com quem teve 5 filhas e 1 filho. Deixa ainda 2 genros, 1 nora, 7 netos e 1 bisneto. Para nós, família, fica o exemplo de sua fé e também a saudade. Mas fica também a esperança de nos reencontrarmos na glória.

Diadema, SP - Que privilégio chegar na Terceira Idade e poder usufruir da companhia, do respeito e cumplicidade da pessoa amada. O amor verdadeiro é aquele onde Deus é colocado no centro de todas as coisas, principalmente na formação e constituição da família. Agradecemos a Deus pelos nossos queridos e amados irmãos Villi e Marli Sipert, que completaram Bodas de Rubi (45 anos de casados), e Valderisson e Luiza Marques, que completaram mais um ano de união ao lado do Senhor com Bodas de Ouro. “Porque onde quer que tu fores irei eu, e onde quer que pousares, alí pousarei eu; o teu povo é meu povo, o teu Deus é o meu Deus’’ Rute 1.16. Elda Farias

HOMENAGEM À OMA HELMA Marechal Cândido Rondon, PR - “É forte, respeitada e não tem medo do futuro. Fala com sabedoria e delicadeza. Ela nunca tem preguiça e está sempre cuidando da sua família” Provérbios 31.25 – 27. No dia 31 de outubro de 1939, nasceu na Linha República, interior de Santa Rosa, RS, uma linda menina de olhos verdes e sorriso fácil: Helma Oswald, filha do casal Friedrich e Maria. Muito cedo aprendeu a amar ao Senhor Jesus. Demonstrou e praticou esse amor servindo as pessoas. Algo que sempre fez muito bem, e o que gostaria de destacar, é exercer a hospitalidade, dom que desenvolveu com seu esposo Ervino Freier, desde 1957, no Paraná. Deus abençoou este casal com 5 filhos: Goni, Guisela, Roseli, Gerson e Matias. Também com genros e noras: Karla, Matias, Edemar, Carla e Joseane, 12 netos e 6 bisnetos. Também gostaria de destacar o sonho do casal de ter uma igreja Batista na sua própria cidade. Isso tornou-se motivo a oração e trabalho. Este lugar era Santa Helena, PR. Seu marido não pode ver a concretização deste sonho ainda em vida. No dia 31 de outubro de 2019, nossa oma Helma comemorou 80 anos de vida, festa compartilhada com a família, amigos, irmã, cunhados, sobrinhos, família pastoral, enfim, todos a quem ama. Hoje, já chegou aos 81 anos de idade, com a graça e o cuidado de Deus. Queremos agradecer a Deus pela oportunidade de celebrar mais um ano de vida com essa mulher sábia, alegre, o que foi bem lembrado pelo Pr Daniel Cândido, muito trabalhadora e não murmuradora. Com carinho, sua neta, Simoni Gundt da Rosa.

Margrit Braun - Filha

Elli Bubans 20.02.1930 – 11.07.2020 Nova Santa Rosa, PR - Na noite de 11 de julho de 2020, a irmã Elli Bubans foi para o lar celestial, morar com o nosso Senhor Jesus. Era filha de Adolfo e Joana Scheguschewski. Foi batizada dia 02.04.1943, na Igreja Batista de Linha 28 – Ijuí – RS, pelo Pr. Georg Ziegler. A partir de 24.10.1965 foi membro da Primeira Igreja Batista em Nova Santa Rosa – PR, onde permaneceu até o final de sua vida. A irmã Elli sempre foi ativa nas programações da igreja, tanto na Escola Bíblica Dominical como nos Cultos aos domingos. Devido as restrições da pandemia, sentia muita falta de estar nos cultos, mas não deixou de acompanhar os cultos online. O versículo que Elli tinha em seu coração era “Lobe den Herrn, meine Seele, und vergib nicht, was er dit Gutes getan hat” Psalm 103.2 (“Bendize, ó minha alma, ao Senhor, e não te esqueças de nenhum de seus benefícios” Salmo 103.2). A família encontrou o versículo em destaque em vários locais da casa. Mesmo com a idade avançada, a irmã Elli ainda se ajoelhava para falar com Deus. Foi exemplo para toda família como pessoa de fé. Faleceu em Nova Santa Rosa, aos 90 anos. Deixou enlutado o esposo, filhos, netos, bisnetos e tataraneto. Desejamos aos familiares, irmãos e amigos, que a “Graça do Senhor Jesus, o amor de Deus nosso Pai e a consolação do Espírito Santo estejam com vocês”. Daiane Z. Welke PIB em Nova Santa Rosa

Wilma Posai Strey 08.06.1926 – 15.07.2020 Nova Santa Rosa, PR - “Então ouvi uma voz dos céus dizendo: ‘Escreva: Felizes os mortos que morrem no Senhor de agora em diante’. Diz o Espírito: ‘Sim, eles descansarão das suas fadigas, pois as suas obras os seguirão’ Apocalipse 14.13. Em Nova Santa Rosa, na madrugada do dia 15 de julho de 2020, a irmã Wilma Posai Strey descansou de suas obras aqui e foi estar com nosso Senhor Jesus. Filha de Adolfo e Ana Posai. Foi batizada no dia 03.04.1950 na Igreja Batista de Candeia (Santa Rosa, RS), pelo Pr. Georg Zigler. Veio para o Paraná no ano de 1964, onde foi acolhida como membro na Primeira Igreja Batista em Nova Santa Rosa no dia 22.11.1964, onde permaneceu até o final de sua vida. Faleceu aos 94 anos. Irmã Wilma era viúva e deixa enlutados 5 filhos, 8 netos, 6 bisnetos, 1 tataraneto e 1 irmã. Desejamos aos familiares, irmãos e amigos consolação do alto para seus corações. Daiane Z. Welke Secretária - PIB em Nova Santa Rosa


20 Juntas com sede em Curitiba, PR Rua Elizeu Faria, 157 - casa 1 81720-130 - Curitiba, PR Fone: (41) 3284.4650 (41) 99290-3093 www.pioneira.org.br/jevam pam@pioneira.org.br secretaria@pioneira.org.br

Fone/Fax: (41) 3376.0271 www.pioneira.org.br/jufemi jufemi@pioneira.org.br

Rua Benjamin Constant, 2080, B. Escola Agrícola 89037-502 - Blumenau, SC Fone: (41) 98791-2585 www.jumap.org.br jumap@jumap.org.br

Rua Dr. Pestana, 1021 98700-000 - Ijuí, RS Fone/Fax: (55) 3332.2205 www.batistapioneira.edu.br faculdade@batistapioneira.edu.br

Rua José Bonifácio, 1623 98700-000 - Ijuí,RS Fone/Fax (55) 3332.1095 www.pioneira.org.br lartabea.iju@terra.com.br

Rua Caminho do Furquim, 275 06720-250 - Cotia, SP Fone/Fax (11) 4616.1107 www.pioneira.org.br larcotia@terra.com.br

Rua Mercúrio, 126 09990-030 - Diadema, SP Fone (11) 4056.7775 www.pioneira.org.br nsdiadema@pineira.org.br

Rua José Bonifácio, 1623 Casa A - Bairro Storch. 98700-000 - Ijuí, RS Fone (55) 3332.8182 www.pioneira.org.br cais@surdoscais.com.br

Largo S. Vicente de Paulo, 1382 85900-215 - Toledo, PR Fone (45) 3277.3227 www.lid.org.br contato@lid.org.br

Rua Benjamim Constant, 339 98280-000 - Panambi, RS Fone/Fax (55) 3375.6150 www.lartabea.org.br lar.panambi@gmail.com

www.pioneira.org.br

Profile for Convenção Batista Pioneira do Sul do Brasil

O Batista Pioneiro | Novembro/Dezembro de 2020  

O Batista Pioneiro | Novembro/Dezembro de 2020  

Profile for cbpsb
Advertisement