Page 1


Editorial EXPEDIENTE

É TEMPO DE FESTA NA CIDADE MORENA!

C

REVISTA IMPACTO Publicação de I3 Editora e Comunicação LTDA ME CNPJ 13.822.654/0001-42

ampo Grande completa 112 anos de puro progresso... E nessa edição você confere uma entrevista especial com o prefeito da capital Nelson Trad Filho falando sobre suas perspectivas de

futuro, bem como, do parâmetro geral de sua vida pública.

Eli Sousa

Diretor Executivo

Outro assunto relevante que tratamos nessa edição foi o tabagismo que é considerado pela Organização Mundial da Saúde (OMS) a principal causa de morte evitável em todo o mundo. Nossa redação preparou uma matéria especial sobre os danos causados pelo tabaco então se oriente e saiba mais sobre o assunto.

Fique a vontade ao ler as nossas páginas e até a próxima!

Índice 07 Campo Grande

Comemora 112 anos em grande estilo e com mais de R$ 521 milhões investidos em obras

28 Conscientização

Segundo a OMS, o cigarro matará mais de 6 milhões de pessoas, das quais 600 mil não fumantes.

36 Eleições

O Encontro Estadual do Partido Democrático Trabalhista tratou sobre um possível pacto entre PDT, PMDB e PT, além de filiações de lideranças políticas da capital e do interior.

45 Dica de Leitura

Formar crianças e adolescentes sociáveis, felizes, livres e empreendedores é um belo desafio nos dias de hoje. Aprenda isso e muito mais com essa dica de leitura.

6 | AGOSTO 2011 | impacto

12 Creginaldo Câmara 13 Câmara de Rio Verde de MT 14 Câmara de São Gabriel do Oeste 16 Eleições 2012 17 Corguinho 18 Executivo Federal 19 Executivo Estadual 19 Executivo Municipal 20 Fernando Soares 22 Roberto Costa 23 Câmara de Nioaque 24 Sonora 25 Legislativo 26 Miranda 34 Rio Verde de Mato Grosso 35 Rochedo 38 Beleza 40 Moda 42 Turismo e Algo Mais 43 Artigo 44 Culinária 46 Manoel Afonso 47 Fotos e Fatos Impactantes 48 MS em Brasília 50 Camapuã 51 Eleições 2012 52 Renata Pimentel 54 Guimarães Rocha 56 Social de Impacto 57 Ação 58 Garota Impacto

DIRETOR EXECUTIVO Eli Sousa GERENTE ADMINISTRATIVA Luzia Helena Fonseca Coutinho CONTABILIDADE Karina Alves - CRC /MS 009576/0-4 ASSESSORIA JURÍDICA Creginaldo Câmara OAB/MS 4196 JORNALISTA RESPONSÁVEL Eli Sousa - DRT/MS 104 JORNALISTA E EDITORA Cristiane Pereira- DRT/MS 359 FOTÓGRAFO Marcial Junior Dallaphoto - DRT/MS 901 DIAGRAMAÇÃO Carmeliza Oshiro de Oliveira - DRT/MS 460 COLABORADORES Creginaldo Câmara, Valdemir Delmondes, Roberto Costa, Manoel Afonso, Rosildo Barcellos, Guimarães Rocha, Renata Pimentel, fernando Soares, Odivaldo Miranda e Jota Menon - Foto capa: Junior DallaPhoto CIRCULAÇÃO Hotéis, agências de viagens, aeroportos do Estado de Mato Grosso do Sul, órgãos públicos da Capital, prefeituras, Câmaras do Estado e Brasília

ASSINATURA:

TIRAGEM:

(67) 3043-0044 10.000 3043-0055 Exemplares 3026-6162 Revista Impacto Rua Jamil Félix Nagles, 589 Parque dos Poderes - Campo Grande/MS CEP 79036-110 - Fone: (67) 3026-6162 www.impactonewsms.com.br IMPRESSÃO Gráfica e Editora Rossi Rua José Lacava, 411 Jacy Guanandy - Campo Grande/MS CEP 79086-050 - Fone/Fax: (67) 3386-7910 A Revista Impacto não interfere nas avaliações publicadas por colaboradores. Opiniões emitidas em artigos assinados não refletem necessariamente a opinião da revista, que pode ser contrária.

Espaço do Leitor Queremos saber sua opinião! Mande-nos sugestões, críticas, elogios e dicas de matérias. Anote o e-mail redacaorevistaimpacto@gmail.com assim você pode nos ajudar a fazer a Revista Impacto.


Foto: Junior Dallaphoto

Campo Grande

Campo Grande 112 anos pronta para o futuro m uma entrevista exclusiva à Revista Impacto, o prefeito de Campo Grande, Nelson Trad Filho conta um pouco de sua história, fala de obras e de perspectivas para o futuro. Chegando perto do fim de seu mandato, o prefeito apontou obras importantes em nossa capital, que comemora no dia 26 de agosto mais um aniversário. São 112 anos e mais de R$ 521 milhões investidos em obras de infraestrutura urbana, unidades de saúde, casas, praças, centros de educação infantil e modernização do sistema de transporte e trânsito. impacto | AGOSTO 2011

|7


Campo Grande Impacto: Prefeito Nelsinho, o senhor tem uma trajetória política muito vitoriosa. Começou sua como vereador, depois foi presidente da Câmara Municipal, deputado Estadual sendo na época o mais votado da história de Mato Grosso do Sul e se tornou prefeito de Campo Grande pela segunda vez consecutiva. No projeto como prefeito da capital, quais foram as maiores dificuldades que enfrentou ao assumir o comando da máquina pública?

sorte, porque isso ficou como uma meta a ser seguida para poder dentro de nossa capacidade de trabalho superar aquilo o que tínhamos encontrado na administração que o André deixou. E posso dizer precisamente que os números mostram que realmente conseguimos fazer muito por Campo Grande e iremos entregar a cidade melhor do que recebemos. Impacto: Falando em números, quais as obras de maior relevância que o senhor entregou aos campograndenses? O que as pessoas mais comentam, bem como, as obras que deixaram a marca de nossa administração foram: a Via Morena - Orla Morena e a nova rodoviária. Fazendo uma análise rápida em relação a rodoviária, passaram-se anos e mais anos e ninguém conseguia resolver o problema que tínhamos e felizmente nós conseguimos. Hoje o novo terminal Rodoviário Senador Antonio Mendes Canale se tornou um ícone de visitação turística onde as pessoas vão até lá para tirar fotos. Digo que o local não se parece com uma rodoviária, mas sim, com um aeroporto. A outra obra que marcou muito a população foi

a entrega da Via Morena I e brevemente a Via Morena II será entregue a população, ocasionando maior maleabilidade ao trânsito da capital. Impacto: Prefeito fora essas obras, o senhor também realizou algumas campanhas na época em que se cogitou que Campo Grande se transformasse em uma das sedes da Copa do Mundo, porém, isso não foi possível. Mas, seu trabalho e batalha foram grandes, onde o senhor apresentou um projeto, tendo como um dos melhores apresentados para a FIFA. Como analisa esse momento em sua vida política? Realmente isso que afirmou em forma de pergunta aconteceu, e nos rendeu muito prestígio. Mas, infelizmente esse era um jogo de cartas muito bem marcadas. Nós disputamos esse processo acreditando que poderíamos vencer Cuiabá, nossa concorrente direta. Evidenciamos que a nossa cidade era e é muito melhor que Cuiabá, se formos ver os parâmetros de indicadores de qualidade de vida, infraestrutura urbana e viabilidade, todos que comparam chegam a mesma conclusão. Mas, a nossa não escolha, acabou sendo positivo porque nós recebemos um jogo da seleção brasileira na eliminatória, colocamos o nome de Campo Grande para o restante do mundo, estamos credenciados para receber uma das seleções sede que poderá ficar hospedada na capital e com a construção do Aquário do Pantanal que irá ficar pronto em meados da Copa do Mundo, nós teremos a oportunidade de receber muitos turistas em Campo Grande para conhecerem o Aquário, bem como, as belezas naturais do Pantanal. Impacto: Outra questão que marcou em sua vida política foi a campanha para a presidência da República (2010), onde o senhor apoiou a

Fotos: Divulgação

Primeiramente quero ressaltar que eu me candidatei a vereador pela primeira vez em 1992, sendo o segundo mais votado. Em 1996 me reelegi e no ano 2000 mais uma vez venci o pleito para vereador e foi nessa ocasião que fui escolhido a ser o presidente daquela Casa de Leis, atuando como presidente da Câmara de 2001 a 2002. Em 2002 me candidatei a deputado Estadual, sendo o mais votado naquela ocasião. Depois disputei a condição de pré-candidato a prefeito junto a três outros companheiros, na época: Moka, o Giroto e a Celina Jallad. E através das pesquisas meu nome foi o escolhido como o candidato do grupo e me elegi no primeiro turno em 2004 como prefeito de Campo Grande. Em 2008 me reelegi e agora estou no final do segundo mandato. Falando especificamente sobre seu questionamento, a principal dificuldade que tive quando assumi a prefeitura foi a comparação que com o administrador que saiu. E pro meu azar, que acabou sendo para a minha sorte depois foi o André Puccinelli que saiu com quase 95% de ótimo e bom. Então, quando digo para o meu azar, era porque toda hora eu era comparado e receber tal comparação com quem saiu com esse índice de aprovação, em minha cabeça, dificilmente eu conseguiria o superar. Mas, acabou sendo para minha

As obras que deixaram a marca de nossa administração foram: a Via Morena - Orla Morena e a nova rodoviária

Orla Morena e Terminal Rodoviário Senador Antonio Mendes Canale

8 | AGOSTO 2011 | impacto


atual presente do Brasil Dilma Rousseff e o governador André Puccinelli apoiou o candidato José Serra. Quais os aspectos negativos e positivos que esse apoio trouxe a sua vida pública? De positivo foi a nossa relação que se estreitou muito com o ex-presidente Lula e com a candidata na época Dilma Rousseff, de negativo eu não vejo nada, até porque as coisas fluíram de forma natural e o resultado está ai, onde ela virou presidenta e nós estamos recebendo os recursos como sendo um aliado de primeira hora.

Foto: Junior Dallaphoto

Impacto: Fora isso o senhor conseguiu nessa campanha ser a bandeira principal da campanha do governador André em sua reeleição, conseguiu eleger um irmão como deputado Federal e o outro como deputado Estadual sendo o mais votado em nosso Estado, um primo como vereador e de quebra um senador da República. Qual foi a sua participação direta nesse processo? Orientei abertamente esses candidatos a atuar dentro do que entendemos ser o mais importante. Eu dizia tanto para o deputado eleito Mandetta, quanto para o também deputado eleito Fábio Trad que eles deveriam ter pelo menos 10% da votação em Campo Grandee que dessa forma ninguém conseguiria tirar a eleição deles mesmo vindo carregado no interior e foi isso que aconteceu, ambos conseguiram esse percentual, o deputado Fábio conquistou um pouco a mais

Campo Grande

A Câmara tem me auxiliando muito em várias questões pertinentes a administração

e assim ambos garantiram sua cadeira na vida pública. Quanto ao Marquinhos Trad ele tem vôo próprio, tem sua forma de atuar e fazer política, é um homem público reconhecidamente carismático, trabalhador e persistente e é dessa forma que as pessoas gostam dele. A minha contribuição junto a ele foi acompanhá-lo em algumas reuniões e ajudá-lo a fazer discurso nos bairros da cidade. Em relação ao senador Moka a orientação ficou a cargo da primeira dama Antonieta, que foi a sua suplente, e também demonstrou a sua capacidade eleitoral política ajudando-o em Campo Grande a ter a votação que teve. O Moka veio do interior com uma vantagem muito forte sob os demais candidatos e chegou merecidamente ao Senado. De forma inteligente o atual senador soube agregar a sua chapa, com as duas suplências, tanto a Antonieta quanto o Gino de Dourados (MS),

conseguindo assim derrotar seus adversários. Impacto: Falando um pouco mais de obras, quanto foi o investimento que a sua administração conseguiu fazer por Campo Grande? Vamos nos restringir ao atual pacote de obras onde temos 120 novas obras e R$ 521 milhões de investimentos, então, digo que Campo Grande está pronta para o futuro com obras em todos os setores. As obras que destaco são de infraestrutura urbana, unidades de saúde, casas, praças, centro de educação infantil e modernização do sistema de transporte e trânsito. As regiões que receberam e receberão brevemente os investimentos são: Imbirussu, Lagoa, Anhanduizinho, Bandeira, Centro, Prosa e Segredo, sendo que mais de R$ 215 milhões foram destinados a abertura de licitação, mais de R$ 100 milhões foram para início de obras e mais de R$ 206 milhões destinamos as inaugurações. Esses investimentos são muito importantes para nós, pois, prepara a capital cada vez mais para o futuro próspero. Impacto: Com relação à Câmara de Vereadores, “vocês” tiveram alguns embates, o que é normal. Atualmente como está o entendimento entre o Executivo e Legislativo? É um entendimento respeitoso, cada um desem-

impacto | AGOSTO 2011

|9


Campo Grande penha o seu papel. A Câmara tem me auxiliando muito em várias questões pertinentes a administração, ao andar das obras, as autorizações de empréstimos. Nós temos que entender que a Câmara também quer participar das execuções daquilo que chega até ela como reivindicação, por isso temos a noção exata do que representa a Câmara Municipal com seu papel independente. A relação está bem harmônica. Impacto: A grande imprensa anunciou uma polêmica muito grande a cerca do IPTU sendo o mais caro que Campo Grande já teve. Isso foi motivo de proveito para a oposição. Prefeito atualmente como está à situação, o senhor conseguiu explicar a população o motivo da “alta”?

IPTU, o que ocorreu foi a cobrança justa dos m² a mais que foram construídos. Impacto: Quanto ao transporte coletivo, para Campo Grande se preparar ainda mais para o futuro, o senhor acha que se precisa melhorar esse setor? Precisa. Nós temos bastante a fazer junto aos empresários do transporte coletivo e tenho a certeza de que eles vão contribuir com a contraparte que lhes compete no Programa de Mobilidade Urbana, que vai prever um investimento para a cidade de R$ 290 milhões e eles deverão entrar em contrapartida melhorando a frota, equipando com GPs, com mais ônibus articulado, colocar mais a frota para funcionar, diminuir a superlotação em horário de pico, tudo isso será importante. Impacto: Prefeito porque Campo Grande tem a

4ª passagem mais cara do Brasil em relação ao transporte coletivo? Porque nós só temos o preço de uma passagem, o nosso sistema é todo integrado. No Rio de Janeiro ou São Paulo, para irmos de um lugar ao outro se paga duas ou até três passagens e aqui não, você paga uma e acabou até você chegar ao seu destino. Essa é a explicação. Impacto: Há comentários da classe política, principalmente da oposição, que o senhor e o governador André Puccinelli estão “rachados” para 2014, até que ponto o comentário é verdadeiro? Isso não é verdade. A “briga” entre eu e o governador André só irá beneficiar a oposição, por isso que eles torcem para que isso aconteça. Mas, isso não vai acontecer até porque nós estamos afinados e acordados, não só para 2014 como para 2012, o nosso candidato aqui na Prefeitura de Campo Grande para sucessão sairá das pesquisas, preferencialmente, queremos um candidato do PMDB se não der será de outro partido para que possamos fazer um sucessor. Em 2014, tem o meu nome e o da Simone Tebet para disputar o governo do Estado e aquele que tiver melhor será o candidato do grupo para a sua sucessão do governador André. Impacto: Caso seu nome seja apontado, o senhor se considera preparado a ser o futuro governador do Estado?

Foto: Michael Soares

Não teve nenhuma “alta” ou acréscimo diferente das demais, como não terá, visto que nós somos engessados nessa questão, temos o preço que varia de 6% a 12%. O que aconteceu é que houve 800 mil novas construções na cidade, e antes Campo Grande não era mapeada, e agora com o sistema que nós temos de informática a capital está sendo toda mapeada de forma online através de satélite, então, a maior prova que a polêmica não nos afetou foi o número de reclamações, que não passou de 1% e a adimplência que bateu o recorde 84%, então, na verdade foi mais um falatório da oposição. Então, esse sistema que implantamos descobre via satélite o número de m² a mais que as pessoas constroem e não regularizam. Não houve alta no

A “briga” entre eu e o governador só irá beneficiar a oposição, por isso que eles torcem para que isso aconteça

O Programa de Mobilidade Urbana prevê um investimento de R$ 290 milhões para a melhoria do transporte coletivo

10 | AGOSTO 2011 | impacto


Eu acho que essa escola da Prefeitura de Campo Grande é o pré-requisito para a ação. Se olharmos para trás, temos o Marcelo Miranda que foi prefeito de Campo Grande e chegou ao governo, Levi Dias foi prefeito e chegou ao Senado, Lúdio Coelho também foi prefeito e chegou ao Senado, o Juvêncio foi prefeito e chegou ao Senado e o atual governador André foi prefeito da capital e veja onde ele está. Então a história mostra esse caminho e vou seguir o caminho natural da história. Impacto: A título de informação, relacionado ao seguinte comentário: Delcídio (governador), Nelsinho (vice), André Puccinelli (senador) e Simone (suplente). Seria esse o caminho?

Não há a menor possibilidade de composição com o PT

Então isso não existe, não há a menor possibilidade de composição com o PT. Impacto: Para encerrar, qual a sua mensagem a população pelos 112 anos da Cidade Morena, a se completar em 26 de agosto? Uma mensagem de muito otimismo. Na primeira semana do mês de agosto fechamos 18 milhões 537 mil em ordem de serviços. Lançamos as 120 novas obras com mais de R$ 520 milhões de investimentos e é uma mensagem de que Campo Grande está pronta para o futuro Campo Grande tem ruas largas é bem arborizada e o seu povo cresce feliz e ordeiro, atendendo principalmente a vocação da cidade, que a qualidade de vida. Da Redação

BATE-BOLA Profissão: Médico Urologista e cirurgião geral. Time que torce: Comercial em Campo Grande e Botafogo no Rio de Janeiro. Família: Sou casado com Antonieta Trad e pai de dois filhos: Nelson Trad Neto e Maria Cecília Amorim Trad. Inspiração: Nelson Trad, um político de grande reserva moral em Mato Grosso do Sul, ele é meu exemplo e minha referência. Conselho aos que pretendem ingressar na carreira política: Antes de entrar na vida política tem que se ter um serviço prestado, ninguém ganha sem ter uma história de trabalho comprovadamente prestada perante a comunidade. Oposição: Eu aprendi que quando a oposição te critica e você vê que a crítica não surte efeito por não estar certa, é melhor ficar quieto para eles não se corrijam .

Foto: Junior Dallaphoto

O povo não gosta de nada pré-acordado ou vindo pronto, pois, pode vir uma força contrária a tudo e acabar ganhando a eleição. Esse filme já vimos acontecer no Mato Grosso quando teve um acordo com Júlio Campos, Dante de Oliveira e demais pessoas e de repente a pareceu um candidato chamado Blairo Maggi e ganhou a eleição.

Campo Grande

impacto | AGOSTO 2011

| 11


Creginaldo Câmara

Advogado e Jornalista

“Um partido é a loucura de muitos em benefício de uns poucos.” – ALEXANDER POPE foi um dos maiores poetas britânicos do Século XVIII. Satírico e ainda o primeiro poeta inglês a ter fama internacional.

O outro Deputado Federal EDSON GIROTO (PR/MS), se destaca muito bem em BRASÍLIA/DF, conhecido nas rodas do Ministério do Planejamento, por aqui o seu escritório é modelar no atendimento das pessoas que por lá transitam.

Um novel jornal em MATO GROSSO DO SUL, o LIBERDADE com notícia política e empresarial para todo o Estado, com boa diagramação e ainda excelente redação, ainda mais num mundo midiático tremendamente competitivo, parabéns ao seu jovem Diretor WASHINGTON SANCHES. Em CAMPO GRANDE é visto em quase toda a cidade.

Pelo menos nos meios ditos esclarecidos politicamente, veladamente falam no nome de CARLA STEPHANINI (PMDB) para Vice numa possível chapa encabeçada por EDSON GIROTO (PR), para a Prefeitura da Capital, esse moço é tema em todas as rodas, corre nelas persistentemente tema de retorno para o PMDB.

O Deputado Federal FÁBIO TRAD (PMDB/MS), parece que gostou mesmo do cargo, trabalha muito em diversas comissões temáticas com qualidade, assíduo, bom menino.

12 | AGOSTO 2011 | impacto

O PT para Capital promove diversos ensaios, mais até agora o melhor seria a dobradinha Senador DELCÍDIO DO AMARAL (PT/MS) e de Vice o ex-governador JOSÉ ORCÍRIO MIRANDA DOS SANTOS, mas ai os dois teriam que acertar os ponteiros, senão não virará nada.

No embalo de presidentes de bairros para vereador em 2012, muita gente gostaria de ter nos seus quadros a Presidente da Coophavila II, Dona Beth, essa demonstrou trabalho comunitário, começou pelo Centro Comunitário, rachado e caindo os pedaços, hoje possui cursos de quase tudo por lá, inclusive o de caratê de contato, etc. Pelo menos no papel o PSB Regional, com o novo Presidente MURILO ZAUITH, pode até crescer e vir a ocupar um lugar de destaque já no próximo pleito, e depois tendo uma grande influência na próxima eleição para o governo do Estado. Já o PP local vive em constante rota de colisão. A troca de comando não acabou com a briga interna no partido em MATO GROSSO DO SUL. Diz-se a boca pequena que a coisa por lá é linha dura.


Câmara de Rio Verde de MT Fotos: Ascom/Câmara

PRIMEIRO SEMESTRE 2011

Fotos tiradas durante sessão no plenário da Câmara Municipal

Presidente Anivaldo Moraes de Almeida – Nivaldinho junto à mesa Diretora fizeram uma gestão voltada para o bom desenvolvimento dos trabalhos do legislativo, com isso foi feita uma reestruturação interna como: não só na maneira de trabalhar, informatizando, digitalizando documentos da Câmara, preocupou também com visual físico da Casa e assim foi trocado os estofados dos bancos do plenário para mais conforto e um melhor visual a todos munícipes que vem prestigiar a sessão. Outra medida tomada foi à uniformização dos funcionários, com novos uniformes identificados com brasão do Município e ainda foi dado a cada funcionários

Presidente Anivaldo Moraes de Almeida

um crachá com seu nome, cargo, assim poder melhor atender a todos. Foram aprovados pelos vereadores no primeiro semestre de 2011, 19 projetos de leis do Poder Executivo e 11 projetos de leis do Legislativo. Dentre eles destacaram doação de área de terra para empresa de frigoríficos da cidade, projeto esse do Poder Executivo, projeto de convênios com APL Cerâmico, projeto de suplementação ao orçamento de 10%. E ainda foi feita a implantação de sistemas como: patrimonial, licitação, compras, protocolo, recursos humanos, contábil, recepção, treinamento e aperfeiçoamento dos funcionários, principalmente a recepção que passou por uma mudança da forma de atendimento com um cadastro em banco de dados de todas as visitas, assuntos e datas. Outra medida para desonerar os cofres do Legislativo, a atual mesa diretora com presidência do vereador Nivaldinho fez um convênio sem fins lucrativos com a Rádio FM “Águas do Pantanal 87.9” para transmissão das sessões solenes ordinárias e extraordinárias da Câmara Municipal.

Novas metas a serem cumpridas pela atual mesa e presidente Anivaldo Moraes de Almeida: - Digitalização de todos os documentos da Câmara Municipal como: leis, indicações, requerimentos, ofícios, moções, resoluções e publicar em site oficial da Câmara Municipal http://www.camararv.ms.gov.br. - Implantação do sistema de almoxarife. - Troca do ar - condicionado do plenário – esse já adquirido pela atual gestão para troca no segundo semestre; E muito ainda vem por ai. Poder Lesgilativo, com olhar futurista, praticidade, transparência e competência. Ascom/Câmara Municipal

Estofados após reforma

impacto | AGOSTO 2011 |

13


Câmara de São Gabriel do Oeste Fotos: Thayara Barboza

Grandes ações marcam o primeiro semestre na Câmara de Vereadores de São Gabriel do Oeste primeiro semestre de 2011 foi marcado por importantes ações na Câmara de Vereadores de São Gabriel do Oeste/MS. Projetos de lei, indicações e audiências públicas, discutidas, propostas e aprovadas pela Casa. Logo no início de suas atividades, após o recesso do final do ano, Legislativo e Executivo discutiram o destino do repasse do valor do Duodécimo de 2010 e priorizaram juntos, obras importantes para o município, como reformas na área da saúde e lazer, atendendo a diversas regiões de São Gabriel do Oeste. Dentre os projetos foram aprovados o desmembramento de lotes urbanos, a celebração de convênio com o Sindicato Municipal dos Trabalhadores em Educação - Simted e com a Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais, a reorganização do Conselho Municipal de Assistência Social, além da autorização para que o Poder Executivo contratasse financiamento junto a Caixa Econômica Federal, referente ao programa de aceleração do crescimento – PAC 2, que garantiu obras de pavimentação ao município. Para a presidente da Casa, vereadora Ana Rohr, os primeiros meses do ano foram produtivos na Câmara e garantiram melhorias ao município, mas muito ainda pode, e será feito. “Temos um grupo dedicado em buscar mais qualidade de vida à

14 | AGOSTO 2011 | impacto

nossa população e os mandatos estão sen- muitos progressos já foram alcançados, do exercidos da melhor maneira possível”, como a abertura de estrada e o início da perfuração dos poços artesianos. reforçou. Resultado positivo também em relação Outros projetos, como o que estabelece a área escolar de segurança como espaço a audiência pública para a viabilização do de prioridade especial do Poder Público Parque de Exposições de São Gabriel do Municipal e o que proíbe o consumo de Oeste, reuniu diversos setores da sociedacigarros, cigarrilhas, charutos, cachimbos de, para juntos, iniciarem o projeto para a ou qualquer outro produto fumígeno, deri- construção de um local adequado para a revado ou não do tabaco, na forma específica, alização de grandes eventos. Na ocasião foi e cria ambientes de uso coletivo livres de formado um grupo de trabalho, que já apretabaco também entraram em discussão, e sentou em Brasília um pré-projeto e que já depois de acatados pelos edis, foram apro- iniciou as atividades para executar o que vados também, pelo Executivo Municipal. antes era apenas um anseio da população. São alguns exemplos de que estamos Projetos de grande impacto social e que visam o desenvolvimento do município e batalhando por melhorias, muito ainda será qualidade de vida aos nossos munícipes. feito, mas caminhamos para o desenvolvi“Todos os dias estamos empenhados em mento e mostrando que “o ato de legislar apresentar à população, junto ao Executivo, envolve muito mais do que apenas fiscalipropostas e ações que sigam ao encontro do zar as ações do Poder Executivo, mas também contribuir para o crescimento de São desenvolvimento”, afirmou. Bons exemplos dessas ações são as duas Gabriel do Oeste”, finalizou a presidente da audiências públicas realizadas no primeiro Casa de Leis. Thayara Barboza / Ascom semestre deste ano, a primeira reuniu assentados e representantes do Incra, Funasa, Executivo e autoridades do Município para discutir as necessidades e etapas faltantes para dar infra-estrutura às famílias que vivem nos assentamentos Itaqui e PatatiDuas audiências públicas foram realizadas no 1º semestre vas. Após a audiência,


Deputado Estadual Lauro Davi (PSB) É com orgulho que reforço os votos de PROSPERIDADE a bela MIRANDA, cidade que completou 233 anos em 16 de julho. Parabenizo a população, a administração municipal, o Governo do Estado de Mato Grosso do Sul e todas as estâncias envolvidas no desenvolvimento pleno desse pujante município. PARABÉNS MIRANDA! MUNICÍPIO QUE CARREGA a marca do Pantanal e da cultura dos índios terena.

Deputado Estadual Antônio Carlos Arroyo (PR)

PARABÉNS MIRANDA! São 233 anos de desenvolvimento! E nesse aniversário não poderia ser diferente. A população foi presenteada com a entrega de casas populares e obras significativas. Parabéns povo mirandense! Os poderes: Estaduais, Municipais e Federais sempre estarão juntos para manter a qualidade de vida, NOSSA GENTE! E na assembleia legislativa ESTAREMOS trabalhando PARA ATENDER OS ANSEIOS DEssa SOCIEDADE JUSTA E IGUALITÁRIA.


Eleições 2012 Fotos: Junior Dallaphoto

Em mesa redonda na Diamante FM Dr. Ailton fala de sua pré-candidatura a prefeito ma mesa redonda que contou com a participação dos radialistas Eli Sousa, Odivaldo Miranda e Jota Menon e que foi mediada pelo radialista Negão Curicaca, marcou a largada para a eleição municipal de 2012, em Rochedo, ocasião em que serão eleitos prefeito, vice-prefeito e os nove componentes da Câmara Municipal. O centro da mesa redonda foi o médico e atual vice-prefeito de Rochedo, Dr. Ailton, que, pela primeira vez, anunciou em público a sua predisposição de disputar a cadeira de prefeito municipal e comentou as articulações que tem realizado no sentido de angariar apoio que consolidem a sua postulação. Aberto ao diálogo, Dr. Ailton esteve na emissora de rádio do distrito do Recanto dos Pintados, mas que lidera a audiência em Rochedo, acompanhado do prefeito Adão Pedro Arantes (PDT), de quem deverá receber apoio como candidato. Durante o bate-papo, o vice-prefeito comentou que ainda se encontra filiado ao PP – Partido Progressista – e admitiu a possibilidade de se filiar ao PDT, atendendo convite do prefeito Adão Arantes e de outras lideranças políticas expressivas do partido, como o ex-deputado federal Dagoberto Nogueira Filho e o atual deputado estadual Felipe Orro. Numa longa entrevista, que ainda contou com a presença do prefeito Téo Massi

Dr. Ailton falou de sua pré-candidatura

16 | AGOSTO 2011 | impacto

(PDT) e do vereador Adalzizo Paraguassu (PT), de Corguinho, o médico, natural de Minas Gerais (da cidade de Teófilo Otoni) contou um pouco de sua história e de sua chegada a Rochedo, cidade e povo pelos quais se apaixonou e passou a se sentir como se fosse um cidadão rochedense. Dr. Ailton comentou que vem costurando um grande arco de alianças, no qual já se incluem, além do prefeito Adão Arantes, a ex-prefeita Edileuza Lopes de Andrade Dias (DEM) e o grupo liderado pelo ex-prefeito Francisco de Paula Ribeiro, o Chico Catarina (PT). Autêntico, Dr. Ailton não descartou sequer manter conversações com o pré-candidato do PMDB, ex-vereador João Cordeiro. Porém, fez questão de frisar que sua fase de vice-prefeito deverá se concluir no dia 31 de dezembro do ano que vem, motivo pelo todas as conversações que mantém, agora, giram em torno de sua candidatura ao posto de prefeito municipal. Com vários projetos administrativos já definidos, Dr. Ailton foi muito franco ao reconhecer que o governador do Estado André Puccinelli (PMDB) tem um peso grande num processo eleitoral. Porém, a seu ver, uma hipotética interferência direta do governante em favor da candidatura adversária não será fato para causar extrema preocupação. “Todos se lembram da eleição passada em Corguinho, quando o candidato que ganhou não pode assumir. O Téo, que está aqui, assumiu a Prefeitura, como presidente da Câmara, e disputou a eleição. O governador esteve várias vezes no município, fazendo caminhadas e pedindo para o seu candidato do PMDB, mas o povo optou

pelo Téo” falou exemplificando. Outro ponto que o médico e pré-candidato a prefeito fez questão de deixar claro que é que apoio de grupos políticos não significa interferência direta dos mesmos na futura administração. “Quando se chega ao posto de prefeito imprime-se um estilo de governar e a população de Rochedo pode ter certeza de que quando eu for eleito o estilo da administração será a cara do Dr. Ailton”, finalizou. PREFEITOS Depois da mesa redonda com o pré-candidato a prefeito, Dr. Ailton, os prefeitos Adão Arantes e Téo Massi, de Rochedo e Corguinho, respectivamente, foram sabatinados pelos radialistas da Rádio Diamante FM, abordando questões relativas às suas administrações municipais. Ambos fizeram questão de comentar as ações que vêm desenvolvendo e de hipotecar, de público, apoio às pretensões do médico Dr. Ailton de postular o cargo de prefeito municipal de Rochedo. Téo, por sinal, fez questão de enaltecer o papel importante que o médico desenvolve em seu município, onde presta serviços á comunidade através da Secretaria Municipal de Saúde. “É um grande profissional, um servidor disciplinado e que, com certeza, tem muito a oferecer ao município de Rochedo e a seu povo”, avaliou o chefe do executivo municipal corguinhense. Jota Menon


Corguinho

Pavimentação e drenagem: uma realidade em Corguinho á estão em fase final os serviços de implantação de sistema de captação de águas pluviais nas Vilas: Matias de Souza e Alcina Caceres. O próximo passo é a pavimentação asfáltica. Com recursos do Ministério das Cidades num total de: R$ 408.000,00 (quatrocentos e oito mil reais), sendo que R$ 394,200 (trezentos e noventa e quatro mil e duzentos reais) são recursos federais e R$ 14.000,00 (quatorze mil reais) contrapartida da prefeitura, serão pavimentadas e receberam sistema de drenagem das águas das

chuvas as ruas: Rui Barbosa, Floriano Peixoto, Valdir Ribeiro da Silva, Trecho da Rua Duque de Caxias, Rua Projetada 2 e Rua Milton de Oliveira Caceres. O prefeito Teo Massi e o secretário de Obras, Militão Antonio de Andrade, estiveram vistoriando o local das obras. “Asfalto é qualidade de vida. Não é fácil fazer asfalto, assim como não é fácil fazer tantas outras coisas que são de nossa responsabilidade. Mas estamos correndo atrás e batendo na porta dos nossos parceiros. Devemos muito

aos nossos deputados; aos senadores Moka e Delcidio e a todos que sempre têm nos recebido de portas abertas. Não fossem estas ajudas, certamente as obras não seriam possíveis”, disse o prefeito Teo Massi. “O prefeito é um companheiro arrojado que cobra de cada um de nós, secretários, os melhores resultados. Na minha secretaria eu tenho feito o possível para fazer o melhor pelo nosso município”, finalizou isse o secretário de Obras. Texto e Foto Cuca Ferreira impacto | AGOSTO 2011 |

17


Executivo Federal Foto: AE

Dilma resiste à pressão da base e pode ampliar ‘faxina’ Pastas como Cidades e Trabalho também podem ser alvo da limpeza nos quadros, encomendada pela presidenta

A

despeito das queixas de aliados pelas demissões de representantes do PR no setor de Transportes por supostas irregularidades, a presidenta Dilma Rousseff já deu demonstrações de que pretende manter o rigor na “faxina” nos ministérios sempre que surgirem denúncias que sejam consideradas relevantes. Embora haja mal-estar persista na base de sustentação do Planalto, assessores do governo dizem que não há preocupação com a governabilidade. Dilma recebeu ontem o ministro das

Assessores de Dilma Rousseff dizem que não há riscos para governabilidade

Cidades, Mario Negromonte, que integra a cota do PP na Esplanada. A pasta está na lista de possíveis novos alvos da “faxina” encomendada pela presidenta, assim como o Ministério do Trabalho, comandado por Carlos Lupi, do PDT, informaram assessores do governo. Em recados que chegaram nos últimos dias ao gabinete da presidenta, aliados disseram que até concordam com as mudanças, mas reclamaram das atitudes duras de Dilma em relação aos representantes do PR. A presidente e sua equipe dizem que foi possível manter a marca de “austeridade”

Assinantes de impacto

18 | AGOSTO 2011 | impacto

durante a “limpeza” nos Transportes, com 16 demissões. Dilma continuará a dispensar envolvidos em acusações, mas avisou que não será “refém” nem de denúncias publicadas pela imprensa nem de dossiês. Até mesmo a cúpula do PT está apreensiva com o estilo duro da presidente. Na tentativa de amenizar esse incômodo, auxiliares da presidente observam que não há divergências, por exemplo, com o PMDB, maior partido da base. Eventuais divergências no futuro, dizem, devem ser tratadas caso a caso. O Estado de S. Paulo


Executivo Estadual Foto: Edemir Rodrigues

Simone prestigia homenagem pelo aniversário de Santos Dumont governadora em exercício, Simone Tebet, prestigiou a solenidade realizada no dia 20 de julho pela Base Aérea de Campo Grande (BACG) em comemoração aos 138 anos de nascimento do Marechal do Ar Alberto Santos Dumont, patrono da aviação Brasileira.

No pátio de aeronaves da BACG, a cerimônia teve condecorações, desfile militar e evolução de esquadrilha aérea. Simone acompanhou a solenidade no palanque, ao lado de comandantes militares e autoridades civis. A data foi marcada pela condecoração de nove militares com a Medalha do Mérito Santos Dumont, agraciamento instituído em 1956. Depois da continência à bandeira e da leitura da ordem do

dia, a solenidade teve o desfile militar em continência à governadora e em homenagem ao patrono Alberto Santos Dumont, ao som do hino “Base Aérea no Pantanal”.

Gizele Cruz de Oliveira

Executivo Municipal

Foto: Site FalamS

Prefeito participa da

inauguração de 18 novos leitos da Santa Casa prefeito de Campo Grande, Nelson Trad Filho (PMDB) visitou os 18 novos leitos da UTI para transplante, que foram inaugurados no início de julho na Santa Casa. O prefeito da capital enfatizou a importância desse investimento na saúde, porém, deixou claro que os recursos utilizados para a construção dos leitos partiram da solidariedade do empresário, Antônio Moraes dos Santos. “Hoje é um dia muito especial para

a saúde do Mato Grosso do Sul. Graças ao investimento do seu Antônio, estamos aqui, inaugurando 18 novos leitos de UTI. Que este seja apenas o começo e que outros empresários possam ser solidários”, ressaltou o prefeito. Para o empresário Antônio Moraes dos Santos, doar ao próximo é o ato sublime da bondade. “Eu sempre busquei ajudar o próximo, de todas as formas. Esta foi mais uma, espero que outras pessoas possam ter este gesto e ajudar a quem precisa”.

O deputado estadual Jerson Domingos (PMDB) esteve presente no local junto com a comitiva que visitou os leitos. A Santa Casa de Campo Grande é o único hospital que atende a complexidade de transplante da cidade de Campo Grande e do Estado do Mato Grosso do Sul. Atualmente, 12 pacientes aguardam na fila para receberem um transplante.

Redação FalaMS impacto | AGOSTO 2011 |

19


Corguinho

Lojas Mais um shopping surgirá em Campo Grande. O local escolhido pelos empresários de São Paulo será a Avenida Três Barras e será nos mesmos moldes, ou melhor, do que o Norte-Sul Plaza.

Dobradinha Dia desses, em conversa com o deputado federal Edson Giroto, que estava em Brasília, ele dizia “Estou com o seu governador”, quando perguntei: “O André Puccinelli?” ele respondeu: “Não! Com Delcídio do Amaral”.

Língua A conversa entre os chiques de Campo Grande nas rodas sociais é a de chamar os inconvenientes, conhecidos como verdadeiros “malas”, de “samsonite”. E as falsificações de obras de artes, chamando de “releitura”. Huuummm, linguajar suave.

Atenção Todos sabem que quem bebe não pode dirigir. Porém recentemente, um baladeiro tonto foi pego em blitz e tentou subornar o policial que cuidava do assunto. Nem preciso dizer o resultado, né?

Brevê Duas importantes personalidades do Estado estão fazendo curso de piloto, porque adquiriram aeronaves próprias e sonham eles mesmos as pilotarem. Um é o empresário Sérgio Longen, que preside a Fiems, e o outro, o deputado estadual Paulo Corrêa. Inexperiência   Durante estada em Campo Grande, o presidente nacional da OAB, Ophir Cavalcante, ao ser entrevistado por uma jornalista da TV Brasil Pantanal, teve perguntas sobre a morte da juíza federal Patrícia Lourival que, na certa, deveriam ser feitas ao presidente do STF e não ao presidente da OAB.  Ophir só faltou dizer; “tem certeza que está falando com a pessoa certa?”.

20 | AGOSTO 2011 | impacto

Parlamentares Sabe qual foi o recado dado pela ministra do STF, Eliana Calmon, em sua passagem por Campo Grande, aos nossos legisladores? Que façam mais Leis a favor do povo e esqueçam as CPIs! Eu vou O presidente da Fenai/Faibra, J.H. Oliveira Jr, e o presidente da Associação da Imprensa de Pernambuco, Múcio Aguiar Neto, convidando todos os jornalistas do MS, para o 15º Encontro Nacional das Associações de Imprensa, com o tema Liberdade de Expressão e de Imprensa, além das comemorações festivas aos 80 anos da Associação, que serão realizadas em Recife, de 11 a 15 de setembro. Na ocasião, vão prestar durante o evento uma grandiosa homenagem ao titular da coluna, pelo jornalismo sério que desenvolvemos no Estado.

Lotação Os vanzeiros que fazem linhas para o interior do Estado e que já completaram 60 meses de operação, não mais terão novas autorizações da Agepam. A ordem do governo estadual é abrir licitações para todas as rotas e não emitir autorização precária, como era feito no passado. Caminhos A história de vida do novo superintendente da Polícia Federal de Mato Grosso do Sul, Edgar Marcon, revela o conhecimento deste delegado que já atuou com garra, nos crimes organizados Brasil afora, trazendo nas veias o DNA da coragem e a experiência de quem já escalou e superou muitos degraus para chegar ao topo da carreira. Começou na Polícia Federal como agente na cidade de Ponta Porã. Não muito longe disso, o ex-superintendente que deixou o cargo, José Rita Martins Lara, que foi para Bogotá, e que antes de ser delegado era escrivão da Polícia Federal. Fez bem A advogada Denise Puccinelli, filha do governador André e da primeira-dama do Estado, Beth Puccinelli, já está na cidade depois da cirurgia que fez na cabeça para extrair um tumor benigno. A recuperação foi tão rápida que a moça chegou a ir na festa do Bacco, com o namorado de São Paulo, Leonardo Munhoz, que cuida de projetos especiais do Banco Itaú.


ma coluna social não deve ser feita apenas para agradar. A coluna Fernando Soares, que há 20 anos está no mercado diário, objetiva trazer uma leitura despreocupada aos leitores da Revista Impacto, mostrar os acontecimentos e pessoas que, por mérito, merecem destaque. Com importância de mesmo peso e medida e, claro, sem ostentação. Assim como vamos também informar, opinar e quando necessário criticar. Será um desafio escrever para vocês, leitores da Revista Impacto, assim como será um prazer dividir esse dia com vocês. Obrigado.... 

Não é por acaso que São Gabriel do Oeste conquistou posição destacada no ranking nacional dos municípios com os melhores indicadores de desenvolvimento humano. À frente do Município tem alguém que sabe o quê e como fazer. Estamos falando de um prefeito antenado com as necessidades de seu povo e de seu tempo. Que não se deixou escravizar numa sala de ar refrigerado, não se iludiu com o status e o poder, não teve medo de ousar e de acreditar em si próprio e na sua gente. Ele traz nas veias o DNA da coragem e da conquista de novos tempos, honrando a tradição de família: é filho de um dos colonizadores de São Gabriel do Oeste. Produtor de ponta nas lides e no conhecimento do que faz, administrador com formação na Fucmat, estreou com vitória na política em 2008, elegendo-se prefeito com propostas inovadoras. Em 2008, Sérgio Marcon caiu nos braços da população, se elegeu com quase 40% dos votos válidos! No mês passado, entre as inúmeras marcas já deixadas, estavam R$ 3 milhões em obras nos bairros Amábile Maffissoni e Primavera. Falo isso, porque alguns anos atrás quem poderia imaginar que a palavra Leitão no Rolete estaria correndo de boca em boca no Brasil e mundo afora? E não só por causa da suinocultura, da soja e dos gaúchos que lá vivem. Nem apenas pelas riquezas naturais ou pela hospitalidade de sua gente especial. Hoje, tudo isso tornou-se mais conhecido e mais procurado, como atrativo turístico e fomentador de investimentos, graças a uma irresistível tentação gastronômica: o Leitão no Rolete idealizado pela Cooasgo, que é dirigida pelo jovem Jair Borgmann, com apoio da prefeitura de São Gabriel do Oeste que, paralelamente à festa, traz em seu 4º ano, o 4ª Festival da Canção, revelando talentos de todo o Brasil. Durante o evento, são 220 leitões assados para um público estimado em 30 mil pessoas, com cerca de 16 atrações musicais e 40 expositores. Assim é a identidade firme e forte de uma festa inventada há 18 anos, tendo a Cooasgo na realização e inúmeros produtores, empresários da cidade e prefeitura como parceiros.  É por essas e outras razões que a festa Leitão no Rolete é boa demais! Confira alguns flashes... 

Fotos: Gabriel Santos

MOMENTO LEITÃO NO ROLETE

O prefeito de São Gabriel do Oeste, Sérgio Marcon, o governador André Puccinelli e o presidente da Cooasgo, Jair Borgmann

O secretário de finanças de São Gabriel do Oeste, Fabiano Feitosa, e o deputado federal Reinaldo Azambuja

Os deputados estaduais, júnior Mochi e Márcio Fernandes

Sandra e o marido, diretor da Case, Ademir Boaventura

Os diretores da Mosena, Giuliano, com a mãe, Rosanna, e o pai, Gilberto Mosena

Os empresários, José Carlos Chinaglia e Roberto Delmondes

A psicóloga Carla Lucianer e a amiga Edianes Miranda

O prefeito de Bandeirantes, Flávio, e sua esposa, Geisa Gomes

O homem forte da Enersul, Edmir Bosso, e o pecuarista Marco Almeidinha O diretor geral da Aurora, Mário Lanznaster, e o diretor em São Gabriel do Oeste, Rainer Goehr

Dois gestores públicos que contribuíram com São Gabriel do Oeste, Adão Rolin e Balduíno Maffissoni

O deputado estadual, Júnior Mochi com o prefeito de São Gabriel do Oeste, Sérgio Marcon e o empresário Giuliano Mosena

Marinete Gomes e o ex-prefeito de Rio Verde, José de Oliveira

impacto | AGOSTO 2011 |

21


Roberto Costa Contando os dias – Geraldo Marques (PDT), que já foi prefeito de Bonito, se a justiça eleitoral o considerar apto, sem restrição para colocar a campanha na rua, é o nome a ser batido nas eleições municipais de 2012 no paraíso turístico sul-mato-grossense. Melhor pirão – O governador André Puccinelli chamou para uma reunião os pré-candidatos a prefeito de Campo Grande, Edson Giroto (PR) e Carlos Marun (PMDB). Quem estiver mais bem avaliado na pesquisa (quantitativa e qualitativa) será o candidato do grupo. Pé na estrada – Marun, receoso que estava em contrariar o “chefe”, tocava a pré-campanha como se fosse “Rubinho Barrichello”. Pisando fundo no acelerador agora tem como fonte de inspiração o alemão Sebastian Vettel. Na UTI – “Obrigado presidenta Dilma, pela ampliação da Santa Casa”, são os dizeres de uma faixa estrategicamente colocada na Rua Eduardo Santos Pereira com a Rua 13 Maio, assinada pelo Diretório Regional do PT. Mão aberta – Os três representantes de

22 | AGOSTO 2011 | impacto

Mato Grosso do Sul no Senado da República, Delcídio do Amaral (PT), Waldemir Moka (PMDB) e Marisa Serrano (PSDB), gastaram no primeiro semestre R$ 263 mil da chamada verba indenizatória. Pede pra sair – Médicos credenciados à Unimed reclamam que “estão ganhando pouco” e acabam transferindo para os associados o estresse de um contrato malfeito como se o paciente fosse o responsável por tal situação. Nóis na fita, Mano – Em toda a história da CBF (Confederação Brasileira de Futebol), a equipe liderada pelo técnico Mano Menezes conseguiu a proeza de perder quatro cobranças de penalidades máximas. O gramado estava realmente ruim...para os incompetentes! Rua! – O presidente do Diretório Regional do Partido Trabalhista Brasileiro, Ivan Louzada, não consegue digerir a infidelidade de alguns que usaram a sigla a para alcançarem o poder e depois “deram uma banana” para o trabalhismo. E a grana? – Demissão por improbidade administrativa passou a ser rotineira no Dnit (Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes). Cadê o dinheiro da suposta propina denunciada?

Jornalista Revelação – Quando um ex-deputado federal foi convidado para assumir o comando regional de um partido, ele teria indagado ao mediador: “Não tem um dinheirinho nessa jogada?”. Resultado: levou trezentos pilas!!! Gozação – O prefeito de Aquidauana, Fauzi Suleiman, do PMDB, passou a ser conhecido em Mato Grosso do Sul como “porta de saloom do velho oeste americano”. O “vai e vem” virou objeto de piada. Boa aluna – A governadora interina Simone Tebet, inteligente e competente como só, está sabendo tirar proveito do “curso rápido de administração Estadual”. O doutorado foi feito quando teve a oportunidade de administrar Três Lagoas. Cadeia neles! – O prefeito Manuel Nunes da Silva e três membros da Câmara Municipal de Alcinópolis, foram presos acusados de encomendarem o assassinato do vereador Carlos Antonio Carneiro, ocorrido em outubro do ano passado. Confúcio – “Qualquer um pode julgar um crime tão bem quanto eu, mas o que eu quero é corrigir os motivos que levaram esse crime a ser cometido.”


Foto: Wilton Santana

Câmara de Nioaque

Em sede nova Câmara de Nioaque economiza mais de 90 mil no primeiro semestre como, por exemplo, o mal cheiro do banheiro e gasto excessivo de energia. Então a melhor solução foi essa”, disse. Ele ainda ressaltou que as diárias dos vereadores estão sendo mais regradas, “tivemos 95% de apoio da população quando decidimos “cortar” a diária dos vereadores. Quem precisar de diária terá que comprovar nitidamente a forma que será gasto o dinheiro, pois, esse benéfico nos é dado para buscarmos alternativas que sejam revertidas em beneficio da sociedade e não para uso pessoal”, acrescentou. Com duodécimo mensal de pouco mais de R$ 96.990,00, no primeiro semestre a administração do Legislativo

Da Redação

Fotos: Elizete Maidana

presidente do Legislativo de Nioaque (MS), Ronaldo de Andrea, vereador por quatro mandatos e pela segunda vez a frente da Casa de Leis, durante audiência pública realizada em 27 de julho relatou uma economia de R$ 91.000,00 em seis meses. Segundo Ronaldo isso só foi possível visto a acomodação na sede nova, bem como, a conscientização dos vereadores em relação aos gastos públicos, “a sede nova da Câmara partiu de uma necessidade extrema. Estávamos há 25 anos no mesmo local onde o prédio era antigo, e totalmente sem condições de receber a comunidade, os defeitos eram visíveis

nioaquense economizou R$ 91.000,00 e com essa verba o presidente afirmou que irá investir em melhorias na Câmara, “vamos dar condições a população implantando um plenário descente, iremos comprar móveis novos, computadores novos, visto que o que temos tem mais 10 anos de uso. Vamos investir na melhoria estrutural. Os vereadores estão em condições desumanas de trabalho”, indagou. Ronaldo ressaltou ainda que em gestões anteriores há documentos de compra de computadores, “entrou a nota, saiu dinheiro e não existe na Câmara um computador novo. O Ministério Público está apurando esses fatos. Então, estamos evitando que isso aconteça nessa administração, trabalhamos de forma transparente, digna e com postura adequada”, enfatizou o presidente. O legislador disse ainda, que até o fim do ano, mais economias serão feitas e até o final da gestão pretende repassar o dinheiro economizado ao Executivo para que a verba seja revertida em benefícios à sociedade. Quanto à audiência pública o presidente Ronaldo pediu que a população participasse mais, “a cada seis meses faremos uma audiência pública, então conclamo a participação da sociedade, para fiscalizar para onde estão indo os nossos gastos”, finalizou.

Com nova acomadação presidente do Legislativo garante melhor condições de trabalho aos vereadores

impacto | AGOSTO 2011 |

23


Sonora

“Ratinho” de Sonora, na trajetória certa

24 | AGOSTO 2011 | impacto

Foto: Junior Dallaphoto

smar Gilnei Gonçalves de Quadros, ou simplesmente “Ratinho”, há 10 anos reside em Sonora, um dos municípios mais importantes do interior de Mato Grosso do Sul e que se encontra localizado na região Norte do Estado. “Ratinho” chegou na cidade nos idos de 2001, oriundo da cidade de Coxim, onde residia. Deslocou-se até o pujante município que faz divisa com o Estado de Mato Grosso na época em que era um dos nomes que despontava em MS nas disputas do Campeonato de Motocross. Tão logo fixou residência em Sonora, “Ratinho” foi prestar seus serviços profissionais na Pioneira Motos e com o passar do tempo foi angariando a confiança e o respeito da população sonorense. Conhecedor profundo do segmento motociclístico contagiou a comunidade local nos anos de 2008/2009 quando realizou a 2ª etapa do Campeonato Brasileiro de Motocross, colocando o município de Sonora como destaque da mídia nacional. Como piloto profissional de motocross e incentivador da modalidade esportiva ganhou a confiança da classe administradora do município e, na Prefeitura Municipal, foi galgado ao posto de diretor de Esportes Municipal. Posteriormente, chegou à chefia de Gabinete do chefe do Poder Executivo. Como chefe de Gabinete, “Ratinho” tem ajudado o prefeito Mano na realização de grandes eventos no município e participado ativamente das conquistas da atual administração que até agora já executou mais de R$ 30 milhões em obras para a população sonorense. “Ratinho”, além de ser o homem de confiança na prefeitura, tem sido o fiel escudeiro do prefeito Mano, como chefe de Gabinete, cargo em que esbanja simpatia e ganha o respeito e a consideração de seus concidadãos.

Na opinião da comunidade, “Ratinho” vem desenvolvendo um trabalho de grande valia para os munícipes, buscando atender a todos que procuram o gabinete do prefeito. Lá, quando o problema chaga até ele, é logo resolvido. Em contato com a reportagem da Revista Impacto, “Ratinho” disse que é sensível aos problemas das famílias carentes, principalmente aqueles que não tiveram oportunidades. “Vejo essas pessoas com muito carinho, porque sei que elas não têm culpa do estado em que se encontram; são vítimas do sistema que muitas vezes é bruto contra aqueles que não têm como se defender”, avalia ele. O prefeito Mano, por sua vez, tem pedido para o seu secretariado que atende da melhor maneira possível a todos. “É um prefeito próximo do cidadão que não descrimina ninguém e por isto sua administração pode ser considerada a melhor que foi realizada até agora em Sonora”, diz o chefe de Gabinete. “Ratinho” lembra que “é muito gratificante trabalhar com o Mano, pois ele deixa

sua equipe a vontade e, com isso, o resultado aparece”. Na prática, pensa “Ratinho”, “a nossa administração é considerada pela opinião pública como a melhor da região Norte, sem querer menosprezar os demais prefeitos dos outros municípios”. O chefe de gabinete “Ratinho” é filiado ao PMDB há 25 anos, desde a época da JMDB do ex-deputado Waldir Neves. Questionado se ele seria pré-candidato a vereador na próxima eleição, “Ratinho” afirmou que é um soldado do partido e do prefeito Mano. “Sempre trabalhei pela melhora da qualidade de vida das pessoas aqui em Sonora. Uma possível candidatura está na nas mãos do povo e, se for a vontade da população, estou preparado representar a nossa comunidade na Câmara de Vereadores”, ressaltou. “Ratinho” é casado com Rose, pai de dois filhos, Gilnei Junior que, como o pai, é piloto de Motocross, e Lucas que pretende seguir a carreira do pai e do irmão. Jota Menon


Legislativo Estadual Foto: Giuliano Lopes

Deputados estaduais aprovaram 113 projetos no 1º semestre Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul recebeu 184 projetos e 19 vetos durante os seis primeiros meses de 2011. Os deputados Estaduais aprovaram 107 destes projetos, além de seis projetos remanescentes de 2010, durante as 58 sessões ordinárias e oito extraordinárias. Os parlamentares também votaram oito vetos do Poder Executivo, sendo que 11 ainda estão em tramitação. No balanço apresentado pela DGL (Diretoria Geral Legislativa) e lido em

plenário pelo presidente da Casa, deputado Jerson Domingos (PMDB), foram aprovados 63 projetos de lei, um Projeto de lei complementar, três projetos de emenda à constituição, nove projetos de decreto legislativo e 31 projetos de resolução. Em relação aos projetos de lei apresentados em 2011, 22 tramitam em primeira votação, 18 vão para segunda votação, 18 foram arquivados pela CCJR (Comissão de Constituição, Justiça e Redação) e quatro retirados pelo autor. Os deputados estaduais também

apresentaram e aprovaram em plenário 1.876 proposições. Ao todo, foram 1.354 indicações, 96 requerimentos e 426 moções. Neste primeiro semestre, foram realizadas ainda 16 audiências públicas, um seminário e dez sessões solenes que mobilizaram os mais diversos setores da sociedade sul-mato-grossenses e representantes dos demais poderes e instituições públicas.

Assessoria de Comunicação/ALMS

impacto | AGOSTO 2011 |

25


Miranda Foto: Rachid Waqued

No aniversário de Miranda famílias são beneficiadas com casa do Governo o aniversário de 233 do município de Miranda, 50 famílias foram beneficiadas com a entrega de casas pelo governo do Estado que foram construídas através do projeto “Meu Lar” por meio do Programa de Subsídio à Habitação, do governo Estadual com parceria da União e a Prefeitura. A solenidade aconteceu em 15 de julho e contou com a presença do governador André Puccinelli, do vice-líder do governo, o deputado estadual Marcio Fernandes (PTdoB) e do prefeito Neder Vedovato, entre outras autoridades. Para a construção das casas foram

26 | AGOSTO 2011 | impacto

utilizados R$ 800 mil, sendo 50% do recurso próprio do Estado. Foram construídas moradias nos conjuntos habitacionais Maria do Rosário e Santa Cruz. Cada casa tem 32 metros quadrados de área, com sala, cozinha, dois quartos e banheiro. Todas as moradias são destinadas a famílias de baixa renda. Além da construção das habitações, o governo do Estado, via Sanesul, ampliou o sistema de abastecimento de água das residências com a implantação de 315 metros de rede de distribuição e 50 ligações domiciliares. Ao todo, foram investidos mais R$ 14 mil em recursos próprios.

Desde 2007, conforme dados oficiais, foram construídas e entregues em Mato Grosso do Sul 44,6 mil casas. Além da entrega de casas, houve a inauguração da reforma da escola municipal Pólo Raimundo dos Santos, no distrito de Duque Estrada. O governador André após as inaugurações visitou as instalações da FECIR - Feira Ecológica, Cultural, Indígena e Rural de Miranda, que em 2011 chegou à sua 11ª edição.

Alcindo Rocha com Agência de Notícias do Estado  


Conscientização

29 de agosto

Dia Nacional de Combate ao Fumo tabagismo é a principal causa de muitas doenças pulmonares, como a bronquite crônica, o enfisema pulmonar, o câncer de pulmão e está associado ainda a tumores em vários outros locais e doenças cardiovasculares. Com o objetivo de conscientizar a população sobre o assunto e diminuir os riscos desses tipos de doenças, o governo aprovou, em 1986, a Lei Federal nº 7488, que estabeleceu o dia 29 de agosto como “Dia Nacional de Combate ao Fumo”, criando assim, o compromisso de elaborar campanhas de combate ao tabagismo. Essa iniciativa também é praticada em todo mundo no dia 31 de maio, conhecido como “Dia Mundial sem o Tabaco”, que movimenta todos países na luta contra o vício. Segundo dados da Sociedade Brasileira de Pneumologia e Tisiologia, no Brasil, cerca de 30% da população adulta é fumante. Além disso, estima-se que ocorram, a cada ano, 200.000 mortes no país por doenças associadas ao fumo.

A fumaça ambiental do tabaco A fumaça ambiental do tabaco corresponde à fumaça da queima de produtos derivados do tabaco e é produzida através do fumo. Quando a fumaça do tabaco polui o ar, principalmente em espaços fechados, ela é respirada por todos, expondo tanto fumantes quanto não fumantes a seus efeitos nocivos. Por também ser inalada por pessoas que não estão fumando ativamente, o fenômeno também é frequentemente chamado de tabagismo involuntário, ou tabagismo passivo. Dano à saúde Ao respirar a fumaça ambiental do tabaco, as pessoas ficam expostas a mais de quatro mil produtos químicos. Desses, sabe-se que mais de 50 causam câncer nos seres humanos. A fumaça ambiental do tabaco também provoca doenças cardíacas e muitas outras graves doenças respiratórias e cardiovasculares em crianças e adultos, capazes de levar à morte. A exposição constante à fumaça ambiental do tabaco no local de trabalho, em casa, ou outros ambientes, aumenta em cerca de duas vezes o risco de infarto do miocárdio, de acordo com estudo com mais de 32 mil mulheres (American Heart Association - 2006). Observa-se ainda um risco 24% maior para doença coronariana entre expostos, do que entre os não expostos à fumaça. As pessoas que passam 80% do seu tempo em ambientes fechados com fumantes, ao final do dia, poderão ter respirado o equivalente a 10 cigarros.

28 | AGOSTO 2011 | impacto


Substâncias tóxicas Impregnada de componentes tóxicos, a fumaça do tabaco leva à formação de duas correntes: a corrente principal, gerada durante as tragadas, ou seja, a que entra pela boca do fumante; e a corrente secundária, formada no intervalo entre as tragadas e emitida livremente da ponta do cigarro aceso, diretamente no ar ambiente. A corrente secundária contém substâncias tóxicas em quantidades mais elevadas do que a fumaça tragada: alcatrão até 50 vezes mais; nicotina e monóxido de carbono de três a cinco vezes mais. Além disso, responde por cerca de 95% dos elementos cancerígenos transportados pelo ar em recintos coletivos.

Não há nível seguro de exposição Nem a ventilação, nem a filtragem, isoladas ou combinadas, podem reduzir a exposição à fumaça do tabaco em ambientes fechados para níveis considerados aceitáveis, tanto em relação ao odor, quanto em termos de efeitos sobre a saúde. Somente ambientes 100% livres da fumaça do tabaco são seguros.

Mortalidade A cada dia, ao menos sete brasileiros

Custo econômico A exposição à fumaça ambiental do tabaco impõe um elevado custo ao Estado e à sociedade. Estudo da Universidade Federal do Rio de Janeiro mostrou que o governo gasta R$ 19,15 milhões com tratamento de doenças provocadas pelo tabagismo passivo no Sistema Único de Saúde e R$ 18 milhões com pensões pagas pelo Instituto Nacional do Seguro Social em razão de mortes decorrentes do fumo passivo. morrem por doenças provocadas pela exposição passiva à fumaça do tabaco. De acordo com o estudo Mortalidade atribuível ao tabagismo passivo na população brasileira, feito por pesquisadores do Instituto Nacional de Câncer (INCA) e do Instituto de Estudos de Saúde Coletiva da UFRJ, pelo menos 2.655 não-fumantes morrem a cada ano no Brasil por doenças atribuíveis

ao tabagismo passivo. A maioria das mortes ocorre entre mulheres (60,3%). Na pesquisa, que estimou o número e a proporção de óbitos, foram consideradas apenas as três principais doenças relacionadas ao tabagismo passivo: câncer de pulmão, doenças isquêmicas do coração (como infarto) e acidentes vasculares cerebrais. Definiu-se como fumantes passivos pessoas a partir de 35 anos que nunca fumaram e que moravam com pelo menos um fumante. Fumantes e ex-fumantes não fizeram parte da população avaliada. De cada 1.000 mortes por doenças cérebro-vasculares, 29 são atribuíveis à exposição passiva à fumaça do tabaco. A proporção é de 25 para 1.000 no caso de doenças isquêmicas e de sete para 1.000 mortes por câncer de pulmão. A quantidade de óbitos de mulheres é 1,3 a 3 vezes mais elevada que a de homens. Das 2.655 mortes anuais, 1.601 são de mulheres. A faixa etária que registra maior ocorrência, tanto em homens quanto em mulheres, é a partir dos 65 anos. impacto | AGOSTO 2011 |

29


Conscientização Doenças associadas ao uso dos derivados do tabaco presença de cerca de 4.720 substâncias presentes na fumaça dos derivados do tabaco, faz com que o tabagismo seja responsável por aproximadamente 50 doenças. Muitos estudos desenvolvidos até o momento evidenciam que o consumo de derivados do tabaco causa quase 50 doenças diferentes. Está comprovado que o tabagismo é responsável por: • 200 mil mortes por ano no Brasil (23 pessoas por hora); • 25% das mortes causadas por doença coronariana - angina e infarto do miocárdio; • 45% das mortes por infarto agudo do miocárdio na faixa etária abaixo de 65 anos; • 85% das mortes causadas por bronquite crônica e enfisema pulmonar (doença pulmonar obstrutiva crônica); • 90% dos casos de câncer no pulmão (entre os 10% restantes, 1/3 é de fumantes passivos); • 25% das doenças vasculares (entre elas, derrame cerebral); • 30% das mortes decorrentes de outros tipos de câncer (de boca, laringe, faringe, esôfago, estômago, pâncreas, fígado, rim, bexiga, colo de útero, leucemia). As mais recentes estimativas mundiais sobre câncer, divulgadas pelo GLOBOCAN 2008, apontam 12,7 milhões de casos novos e 7,6 milhões de óbitos por câncer no mundo. O tipo com maior mortalidade foi o câncer de pulmão (1,3 milhão de mortes). No Brasil, o câncer de pulmão é o tipo de tumor mais letal e também uma das principais causas de morte no país. Nas estimativas para o ano de 2010, válidas também para o ano de 2011, são esperados 28 mil novos casos de câncer de pulmão, sendo 18 mil homens e 10 mil mulheres. Ao final do século XX, o câncer de pulmão se tornou uma das principais causas de morte evitável. O consumo de tabaco é o mais importante fator de risco para o desenvolvimento de câncer de pulmão. Comparados com os não fumantes, os tabagistas têm cerca de 20 a 30 vezes mais risco de desenvolver câncer de pulmão. Em geral, as taxas de incidência em um determinado país refletem seu consumo de cigarros.

Outras doenças relacionadas ao tabagismo: • hipertensão arterial; • aneurismas arteriais; • úlcera do aparelho digestivo; • infecções respiratórias; • trombose vascular; • osteoporose; • catarata; • impotência sexual no homem; • infertilidade na mulher; • menopausa precoce; • complicações na gravidez. Porém, ao parar de fumar, o risco de ter essas doenças vai diminuindo gradativamente e o organismo do ex-fumante vai se restabelecendo.

30 | AGOSTO 2011 | impacto


Tabagismo no Brasil o Brasil, estima-se que cerca de 200.000 mortes/ano são decorrentes do tabagismo (OPAS, 2002). De acordo com o Inquérito Domiciliar sobre Comportamentos de Risco e Morbidade Referida de Doenças e Agravos Não Transmissíveis, realizado em 2002 e 2003, entre pessoas de 15 anos ou mais, residentes em 15 capitais brasileiras e no Distrito Federal, a prevalência de tabagismo variou de 12,9 a 25,2% nas cidades estudadas. Os homens apresentaram prevalências mais elevadas do que as mulheres em todas as capitais. Em Porto Alegre, encontram-se as maiores proporções de fumantes, tanto no sexo masculino quanto no feminino, e em Aracaju, as menores. Essa pesquisa também mostrou que a concentração de fumantes é maior entre as pessoas com menos de oito anos de estudo do que entre pessoas com oito ou mais anos de estudo. Em relação à prevalência de experimentação e uso de cigarro entre jovens, de acordo com estudo realizado entre escolares de 12 capitais brasileiras, nos anos de 2002-2003 (Vigescola ) a prevalência da experimentação nessas cidades variou de 36 a 58% no sexo masculino e de 31 a 55% no sexo feminino, enquanto a prevalência de escolares fumantes atuais variou de 11 a 27% no sexo masculino e 9 a 24% no feminino.

Tabagismo no mundo tabagismo é considerado pela Organização Mundial da Saúde (OMS) a principal causa de morte evitável em todo o mundo. A OMS estima que um terço da população mundial adulta, isto é, 1 bilhão e 200 milhões de pessoas (entre as quais 200 milhões de mulheres), sejam fumantes. Pesquisas comprovam que aproximadamente 47% de toda a população masculina e 12% da população feminina no mundo fumam. Enquanto nos países em desenvolvimento os fumantes constituem 48% da população masculina e 7% da população feminina, nos países desenvolvidos a participação das mulheres mais do que triplica: 42% dos homens e 24% das mulheres têm o comportamento de fumar. O total de mortes devido ao uso do tabaco atingiu a cifra de 4,9 milhões de mortes anuais, o que corresponde a mais de 10 mil mortes por dia. Caso as atuais tendências de expansão do seu consumo sejam mantidas, esses números aumentarão para 10 milhões de mortes anuais por volta do ano 2030, sendo metade delas em indivíduos em idade produtiva (entre 35 e 69 anos) (WHO, 2003). O INCA desenvolve papel importante como Centro Colaborador da Organização Mundial da Saúde (OMS) para o Programa “Tabaco ou Saúde” na América Latina, cujo objetivo é estimular e apoiar políticas e atividades controle do tabagismo nessa região, e no apoio à elaboração da Convenção Quadro para o Controle do Tabaco, idealizada pela OMS para estabelecer padrões de controle do tabagismo em todo o mundo. impacto | AGOSTO 2011 |

31


Conscientização

Você sabia? • A fumaça dos charutos contém os mesmos compostos tóxicos do que os identificados na fumaça dos cigarros; • Quando animais de laboratório são expostos ao alcatrão presente na fumaça de charutos, apresentam os mesmos riscos de desenvolver câncer do que os expostos à fumaça de cigarros; • As diferenças de riscos de adoecimento entre os fumantes de charutos e de cigarros parecem ser relativas aos padrões de consumo, ou seja, como fumantes de charutos não fumam com a mesma freqüência que os fumantes de cigarros, portanto, também inalam os compostos tóxicos com menos frequência; • A quantidade de nicotina livre desprotonada é muito maior nos charutos do que nos cigarros, pois o pH da fumaça dos charutos é mais elevado. Esta nicotina livre é bem absorvida pela mucosa da boca e pode explicar porque os fumantes de charutos apresentam maior incidência de câncer de boca e língua; • Cigarro vai matar 6 milhões este ano. Segundo a OMS (Organização Mundial da Saúde), o cigarro matará mais de 6 milhões de pessoas, das quais 600 mil não fumantes. Ministério da Saúde

Gravidez e cigarro = prejuízos fatais Não é preciso reforçar que fumar faz mal à saúde. Mas muitas pessoas ainda desconhecem as complicações que o tabagismo pode causar durante a gravidez. Nesse período, o fumo traz vários problemas como gravidez tubária, descolamento da placenta, má formação fetal, sangramento, aborto espontâneo, nascimento prematuro, bebês com baixo peso, morte do feto ou mesmo do recém-nascido. Estudos confirmam que gestantes fumantes aumentam o risco de aborto espontâneo em 70%, perda do bebê próximo ou após o parto em 30%, dar a luz a um bebê prematuro em 40% e ter um bebê abaixo do peso em 200%”, afirma Nilson Roberto de Melo, ginecologista e obstetra da Federação Brasileira das Associações de Ginecologia e Obstetrícia (Febrasgo). Um único cigarro fumado por uma gestante é capaz de acelerar em poucos minutos os batimentos cardíacos do feto, devido ao efeito da nicotina sobre o aparelho cardiovascular. Assim, é fácil imaginar a extensão dos danos causados ao bebê quando a gestante é fumante regular. DONNA ONLINE ZH

Pare de fumar! 0800-611997 32 | AGOSTO 2011 | impacto


Miranda

impacto | AGOSTO 2011 |

33


Rio Verde de Mato Grosso Fotos: Nei Bombonatto

Prefeito Wiliam Brito determina recuperação do calçamento na orla do Rio Verde prefeito de Rio Verde de Mato Grosso, Wiliam Douglas de Souza Brito, esteve visitando a obra de recuperação da orla do Rio Verde que estavam danificadas devido ao longo tempo sem investimento por parte das administrações anteriores e ao desgaste natural, visando desta forma melhorar a drenagem urbana com a recuperação de todos o sistema de microdrenagem, bocas de lobo, tubulações, calçadas e meio fios. A ação vai permitir que o Governo Municipal “A Gente Faz, o Progresso Acontece”, amplie os investimentos de infraestrutura na urbanização da ave-

Com a recuperação do calçamento da orla do Rio Verde a região volta a ter seu espaço de lazer restituído

nida Entre Rios, popularmente conhecida como Beira Rio. Outro grande Projeto para a região está em curso e segundo o Assessor de Turismo e Meio Ambiente, Beto Roque, será a construção de um Parque Linear em quase toda a extensão do Rio Verde no perímetro urbano, cujo projeto prevê a preocupação com a questão ambiental para a preservação do rio, áreas de lazer e a revitalização paisagística de toda a orla no centro da cidade. Além disso, a obra também vai beneficiar, diretamente, esse projeto que está sendo realizado pela prefeitura em parceria com o Governo do Esta-

Além do impacto visual, a obra melhora também a microdrenagem do entorno do Rio Verde

34 | AGOSTO 2011 | impacto

do, explicou Wiliam Brito, lembrando que tão logo esta etapa seja concluída, o Governo Municipal dará início a esse grande projeto de paisagismo e urbanização das margens do rio, com plantio de Ipês e outras plantas nativas. “O crescimento da cidade nas margens contribuiu durante décadas para o assoreamento do rio, mas com esta ação de combate damos o primeiro passo para recuperá-lo, essas iniciativas vão trazer melhoria no ambiente, no turismo porque vai gerar revitalização de uma imensa área que corta todo o centro da nossa cidade”, explicou o prefeito Wiliam Brito.     Victor Currales

Prefeito Wiliam Brito (Esquerda) acompanha pessoalmento o andamento da obra


Rochedo Fotos: Junior Dallaphoto

Investimentos em obras prometem beneficiar população rochedense Prefeitura de Rochedo, no mês de agosto, investirá mais R$ 800 mil em obras. O objetivo é melhorar a qualidade de vida da população rochedense. As obras de patrolamento e cascalhamento garantiram o investimento de uma pá carregadeira, no valor de R$ 315 mil reais, vindo do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento através de emenda parlamentar do Senador Valdemir Moka, mas, tendo como contrapartida do município o valor de R$ 71 mil e 700 reais. O prefeito Adão Arantes enfatizou que com esse equipamento, as estradas vicinais vão ganhar um novo patrolamento, o que beneficiará os alunos da zona rural e região, “os ônibus do município estavam com sérios problemas mecânicos, por conta dessas estradas, agora tenho certeza que ficará mais fácil de trafegar nesses locais”, disse o prefeito. Segundo o prefeito, as obras da Rua Bahia devem ser entregues antes do prazo, “conversei com a empreiteira, e seus responsáveis, me que garantiram a conclusão da obra com um mês de antecedên-

cia”, disse. Outra obra importante para o município é a construção do PSF – Posto de Saúde da Família, o que irá melhorar a qualidade no atendimento, bem como, nos processos de encaminhamento e de buscas de remédios a população. São mais de R$ 200 mil investidos, sendo R$ 60 mil de emendas parlamentares dos deputados Jerson Domingos (PMDB), Maurício Picarelli (PMDB), Júnior Mocchi (PMDB) e Amarildo Cruz (PT) e o restante, cerca de quase R$ 165 mil, por conta da Prefeitura de Rochedo, com recursos próprios. A Praça Municipal receberá incentivos do governo municipal, serão mais de R$ 100 mil investidos em sua revitalização, bem como, no calçamento do entrono e na passarela, utilizando blocos, que estão sendo fabricados no pátio da prefeitura com materiais ecologicamente corretos. As ladeiras das ruas, próximas ao rio Aquidauana, também serão beneficiadas com esses blocos. Para ampliar o conhecimento da po-

pulação, a prefeitura investirá pesado na Biblioteca Municipal. O prefeito Adão, afirmou que já ganhou o acervo, “já recebemos o acervo de nossa Biblioteca do Ministério da Cultura, no local onde funcionava o Teatro de Arena, agora garantiremos um espaço para que as pessoas possam ampliar os seus horizontes, com vistas para um futuro melhor”, reforçou o prefeito. Com recursos do governo Federal e contrapartida do Estado, aproximadamente 50 casas que estão em fase de construção no loteamento Leomar Theodoro, serão concluídas até o final do mandato do prefeito. Também deverá ser assinada a ordem de serviço para a construção de mais 28 casas populares, além de mais 17 unidades, sendo estas últimas com recursos próprios da Prefeitura, beneficiando uma parcela significativa da população e contribuindo para o déficit habitacional da cidade. Odivaldo Miranda

O jornalista Eli Sousa conhecendo a fabricação dos bloquetes, bem como, visitando a obra do PSF junto ao prefeito Adão Arantes e o secretário de Obras “Jabá”

impacto | AGOSTO 2011 |

35


Eleições Fotos: Junior Dallaphoto

Dagoberto falou que o PDT está aberto à conversações entre o PT E PMDB

PDT, PT e PMDB devem se juntar na disputa das eleições de 2014 conteceu em 19 de agosto, no salão do Ondara em Campo Grande (MS), o Encontro Estadual do Partido Democrático Trabalhista. Inúmeras autoridades compareceram no evento, entre

elas, o governador André Puccinelli (PMDB), o secretário de Habitação Carlos Marun, o senador Delcídio do Amaral (PT), o Ministro do Trabalho e Emprego e presidente nacional do PDT, Carlos Roberto Lupi, secretário

nacional do partido, Manoel Dias, que é também presidente da Fundação Leonel Brizola, deputado Estadual Felipe Orro (PDT), entre outros. O evento foi presidido pelo ex-deputado federal Dagoberto Nogueira,

Governador André falou sobre a importância de uma coalizão de partidos no futuro

36 | AGOSTO 2011 | impacto


Lideranças políticas assinaram a ficha de filiação do PDT

feito de Maracaju Celso Vargas. “Resta apenas “um gesto” para se firmar um pacto envolvendo o PDT, o PT e o PMDB na disputa pelo governo Estadual, em 2014”, lembrou Dagoberto Nogueira. Dagoberto reforçou ainda que a aliança funcioDelcídio afirmou que o PT sempre foi parceiro do PDT no Mato Grosso do Sul naria da seguinte presidente regional do PDT e tratou de maneira: o senador Delcídio do Amaum possível pacto entre PDT, PMDB ral (PT) sairia candidato ao governo, o e PT, além de filiações de lideranças PDT como vice e o governador André políticas da capital e do interior, entre Puccinelli (PMDB) concorreria ao Seos que se filiaram estão, o vice-prefeito nado. Já para o ano de 2012 na disputa de Rochedo Dr. Ailton Mello e o pre-

pela Prefeitura de Campo Grande, cada partido pensaria em lançar candidatura própria, segundo Dagoberto. Delcídio do Amaral disse que desconhece eventual acordo e o governador André não expressou opinião à proposta, mas acha que as coligações devem ser debatidas. O vereador Paulo Pedra, presidente do PDT, em Campo Grande, relatou que “em política não se descarta as coligações”. Já o ministro Carlos Lupi, que é do PDT e participou de solenidade promovida pelos pedetistas na Capital não vê problemas na composição sugerida por Dagoberto. Contudo, o ministro afirmou que a aliança de 2014 vai depender da disputa municipal em 2012.

Da Redação

O ministro Carlos Lupi não vê problemas na composição sugerida por Dagoberto

impacto | AGOSTO 2011 |

37


Fotos: divulgação

Beleza

Eles também são vaidosos!

oi-se o tempo em que apenas as mulheres mantinham preocupação com uma boa aparência. Hoje, os homens já ocupam uma boa parcela de consumidores de produtos de beleza. As estatísticas comprovam isso: uma pesquisa realizada pela Abihpec (Associação Brasileira da Indústria de Higiene Pessoal, Perfumaria e Cosméticos), revelou que o setor de beleza masculina no país movimenta cerca de R$ 800 milhões, correspondente a cerca de 10% do mercado de cosméticos nacional. Então, homens vaidosos e bem cuidados. Conheçam as dicas de beleza que separamos especialmente vocês, em especial aos pais, visto que no mês de agosto comemoramos o seu dia!

• Como

os níveis de oleosidade da epiderme são maiores na pele masculina, assim a concentração de colágeno e elastina na derme. Essas características acarretam em poros

38 | AGOSTO 2011 | impacto

mais abertos e na tendência à acne e proliferação de bactérias. Por esse motivo, o primeiro passo para ter uma pele bem cuidada, é lavar o rosto com um sabonete líquido facial, sempre que a oleosidade do rosto estiver excessiva. • Na hora de fazer a barba, utilize sempre um creme de barbear. Ele amacia os pêlos, fazendo a lâmina deslizar com mais facilidade, sem danificar a pele. Portanto, é fundamental escolher bons produtos, que prepare a sua pele e minimize e evite irritações e inflamações. • Depois de fazer a barba, procure sempre lavar bem o rosto com água fria e aplicar um produto pós-barba no rosto e pescoço, que hidrata e suaviza a pele, além de auxiliar na cicatrização da pele e na renovação das células. • A utilização do filtro solar é indispensável, não só para os homens. Os cuidados com a pele devem incluir o uso diário do protetor no rosto e nas outras partes do corpo que ficam expostas ao sol. • Depois dos 40 anos, o organismo do homem começa a sofrer um declínio na produção e renovação do colágeno, diminuindo o tônus da pele e a beleza dos cabelos. Para evitar isso e minimizar os efeitos do tempo, consuma 10g de colágeno hidrolisado por dia. • À noite, antes de dormir, é fundamental

fazer a limpeza da pele, com um sabonete apropriado e algum produto específico para retirar as impurezas acumuladas durante o dia. Depois, pode-se aplicar um bom creme hidratante ou um anti-rugas. • Retirar os pêlos rebeldes das sobrancelhas e cuidar das unhas são imprescindíveis para manter uma aparência limpa e bem cuidada. Bem como investir em um bom corte de cabelo, que se adapte ao seu tipo de fio e formato do rosto. Malanny Serejo / Portais da moda


RÁDIOS PARCEIRAS DIAMANTE FM A RÁDIO QUE BRILHA.

COXIM SE LIGA NA BAND.

A RÁDIO QUE TODO O ESTADO OUVE.

CAMPO GRANDE E REGIÃO OUVEM TRANSAMÉRICA HITS!

RÁDIO AM EM COXIM É PANTANAL.

A RÁDIO DA CIDADE E DO HOMEM DO CAMPO.

A RÁDIO QUE TODO MUNDO OUVE EM ÁGUA CLARA. EM SONORA VOCÊ OUVE CIDADE FM.

EM CORGUINHO SÓ DÁ FM VITÓRIA.

EM RIBAS DO RIO PARDO SINTONIZE 90,7 FM.

PEDRO GOMES E REGIÃO SINTONIZA A 94,3 Mhz

EM BANDEIRANTES SINTONIZE A 98,5 FM

EM RIO NEGRO SINTONIZE 87,9 FM.

EM SÃO GABRIEL D’OESTE A RÁDIO QUE A CIDADE OUVE.


Moda

DIA DOS PAIS Invista na mistura do sofisticado com esportivo, clássico com moderno Dia dos Pais foi criado pelos norte-americanos. Depois de o presidente Calvin Colidge, em 1924, apoiar a idéia da comemoração, a data foi incluída oficialmente no calendário das festividades do país, em 1966, pelo então presidente Lyndon Johnson. No Brasil, quem importou a data foi o publicitário Sylvio Bhering. Instituído no dia 14 de agosto de 1953, período que coincidiu com o dia de São Joaquim, patriarca da família. Atualmente é comemorado no 2º domingo do mês de agosto. A data brasileira é diferente da americana e da européia. Ao escolher o presente para o pai,

40 | AGOSTO 2011 | impacto

em primeiro lugar você precisa conhecer os gostos pessoais de seu pai, o que não é tão difícil assim, afinal de contas você conviver tanto tempo com ele que tem como saber do que ele gosta. Para escolher o presente para o pai pense, por exemplo, com o que ele trabalha, pois o presente pode ser escolhido baseado no que ele faz para viver. Outra informação importante é o hobby que ele tem, afinal de contas o presente pode ter a ver com isso. Se seu pai é um esportista e gosta de jogar um futebol, você pode oferecer para ele de presente uma chuteira bonita ou um tênis de futsal que ele vai gostar muito. Outra opção é


uma mochila ou bolsa bonita para carregar os “apetrechos” que ele usa para jogar. Você pode também optar também por uma camisa esportiva ou mesmo a camisa oficial do time para o qual ele torce. São presentes muito bacanas e seu pai vai gostar muito se for esportista. Outra opção muito interessante de presente para o pai e que está mais direcionada ao trabalho dele é uma pasta bonita para carregar o notebook ou material de trabalho. Existem lindas opções de pasta de couro que vão agradar com certeza. Que tal escolher de presente para o pai um celular ou smartfone? Com certeza é um presente que pode agradar muito. Se o presente para o pai for mais ligado ao hobby dele, as opções são as mais variadas. Se ele gosta de pescar, você pode oferecer um molinete caprichado, se ele gosta de jogar tênis, uma raquete vai ser marcante. Se ele gosta de ler, um bom livro vai fazer a diferença. Se gosta de se exercitar, que tal uma bicicleta para que ele possa se exercitar em meio à natureza? Seja qual for o presente para o pai que você optar oferecer, com certeza ele vai gostar principalmente pelo fato de ter sido lembrado. Portanto, não se preocupe com o valor, mas escolha algo que se identifique com ele. Da Redação

impacto | AGOSTO 2011 |

41


Por Valdemir Delmondes (Turismólogo)

ESTÂNCIA TURÍSTICA DE ILHA SOLTEIRA - SP a divisa do estado de Mato Grosso do Sul com Estado de São Paulo, onde se encontra a barragem de Jupiá ao lado da cidade de Três Lagoas. O estancamento das águas do piscoso Paraná atingindo 52 km de água armazenada até a próxima barragem, à conhecida Ilha Solteira, nome este que foi dado pelos usinarios, quando do alagamento de Jupiá dando origem a um arquipélago fluvial de 5 ilhas, mas uma delas muito isolada das outras bem no meio do Rio Paranazão, em frente ao distrito de Bela Floresta no município de Pereira Barreto, assim dando origem a próxima usina e consequentemente o nome da cidade de “Ilha Solteira”, emancipada em 30 de dezembro de 1991, na margem esquerda do rio Paraná no estado de São Paulo, na margem direita do lado do MS a vizinha cidade de Selvíria. A cidade teve seu desenvolvimento impulsionado pela construção da Usina Hidrelétrica de Ilha Solteira, que movimentou um grande contingente de mão-de-obra, hojé com população urbana de 25.520 habitantes segundo IBGE em 2010, a cidade oferece uma excelente estrutura hoteleira alem de locação de ranchos as margens do rio, no parque da Mantiqueira – Estância turística com duas praias denominada Catarina e Marina muito frequentada por familias que hospeda-se no camping, equipado com banheiros e lanchonetes alem de segurança 24 horas localizada ao lado da barragem e de frente para a enceada praia Catarina, conta com um Centro de Conservação da Fauna Silvestre, Zoológico- onde abriga 48 espécies de animais provenientes do enchimento dos reservatórios de Jupiá e Ilha Solteira, estrutura turistica com a modalidades de pesca e lazer com locação de bicicleta, embarcações, guias e pirangueiros. O rio Paraná oferece a farta pesca do pacu, corvina, piau e o esportivo tucunaré. Nas suas próximas férias não se esqueça desta dica, a cidade e encantadora é oferece hospitalidade e muito lazer.

42 | AGOSTO 2011 | impacto


Artigo Por Prof. Rosildo Barcellos *

Lixo, entulho e a cereja do bolo boom da construção civil impôs a paisagem da capital morena um mobiliário diferente mas imprescindível em qualquer obra mesmo as de pequeno porte: as caçambas usadas para recolher entulho. São toneladas de sobras de cimento, telhas, madeira, gesso, pedras e pisos jogados fora todos os dias. Por isso mesmo o uso de caçambas coletoras de lixo nas vias públicas representa, sem sombra de dúvidas, uma possível ameaça aos condutores de veículos, notadamente as motocicletas e, mais ainda, aos transeuntes, na medida em que, por falta de uma disciplina acerca da utilização desses equipamentos, ficam a mercê de acidentes, seja pela falta de sinalização adequada, seja por falta de orientação preventiva aqueles que, cotidianamente estão a disputar espaços: os condutores, por deslocamentos mais rápidos e estacionamentos e os pedestres, por espaços seguros sobre os passeios cada vez mais diminutos. Em Campo Grande, encontra-se em vigor o decreto nº 11.142/10, que dispõe sobre a regulamentação da lei complementar 152 que traz em seu bojo a tratativa de dispor regras sobre a utilização dos coletores tipo caçamba. A novidade é que, em breve, estará sendo disponibilizado no site da Agetran um link para que o cidadão possa buscar informes antes de contratar uma empresa que opere nesse serviço e para certificar-se de estar contratando um dispositivo concatenado com as normas estabelecidas. Segundo

o decreto, a utilização de caçambas tem regras que vão desde as informações visuais de sua aparência, posição com relação à rua e calçada, estacionamento e remoção. Um item interessante é que as caçambas passarão por vistoria técnica e receberão Alvará de Transporte com validade para dois anos. No caso de se envolver em acidente precisa passar por nova vistoria da Agetran. Depois de contratada a ordem de serviço deverá constar no mínimo, a hora e o local de locação da caçamba e destino dos resíduos que vai recolher. Já a caçamba precisa ter capacidade máxima de quatro metros cúbicos, com altura máxima de 1,20 m, pintada na cor amarela nas partes dianteira e traseira e tarjas nas laterais superiores medindo 38 cm de largura, também na cor amarela. Dezesseis películas reflexivas de segurança, medindo 10 cm x 20 cm cada uma devem ser fixadas nas extremidades superiores. Quanto ao posicionamento a caçamba deverá ser disposta perpendicular ou paralelamente à guia da calçada, entretanto deverá manter distância mínima entre a esquina mais próxima de cinco metros do alinhamento predial. Só poderá ser colocada em cima da calçada se tiver passagem para pedestres de no mínimo 1,5 m. No quadrilátero central da cidade, serão estipulados horários de colocação e retirada. O descumprimento dos dispositivos da norma acarretará também, aos

proprietários de caçambas, as multas previstas no art. 226, do Código Tributário do Município, no valor de R$ 149,76 e, em caso de reincidência, R$ 299,52; além do pagamento das despesas de remoção das caçambas para o pátio da AGETRAN, no valor unitário de R$ 50,00 mais diárias correspondentes no valor unitário de R$ 3,00 na parte externa será obrigatório o espaço reservado para numeração, identificação da empresa e telefone, bem como, o telefone da Agetran para eventuais reclamações. Essa medida retrata uma parcela de garantia de que as empresas prestarão o serviço com responsabilidade efetiva. Desde a licença ambiental, a destinação, até o modo correto de estacionar a caçamba, reduzindo a possibilidade de acidentes. Se considerarmos que somente na capital encontramos em torno de 2,5 mil caçambas é de bom alvitre termos uma regra clara sobre esse particular que atinge a área ambiental, de trânsito e trabalhista. Por outro lado é importante saber de que forma o nosso lixo está sendo descartado ou reaproveitado. Pois se soubermos como utilizar, separar e reciclar, o lixo vira luminária e o entulho, a cereja do bolo. É certo que do reaproveitamento de materiais e da busca de novas alternativas podem surgir situações surpreendentes, auxiliando na economia e no desenvolvimento sustentável do município. * Articulista impacto | AGOSTO 2011 |

43


Culinária

Adoce a vida do seu pai no “Dia dos Pais”

DOCE DE SONHO DE VALSA Modo de preparo

• Bater no liquidificador 1 lata de leite condensado, 2 xícaras de chá de leite, das gemas de 2 ovos e (reservar as claras), 2 colheres de sopa de margarina e 1/2 colher de chá de sal; • Colocar em uma panela e levar ao fogo para engrossar mexendo sempre para não empelotar, reservar; • Picar 12 bombons sonho de valsa e reservar.

Modo de preparo do Creme

Ingredientes

• 1 lata de leite condensado; • 2 xícaras de chá de leite; • 2 ovos; • 2 colheres de sopa de margarina; • 1/2 colheres de chá de sal; • 12 bombons sonho de valsa.

• Bater no liquidificador 2 xícaras de chá de chocolate em pó e, 2 xícaras de chá de leite depois de ter batido acrescentar os bombons sonho de valsa picados reservado; • Bater as claras reservadas em neve, 4 colheres de sopa de açúcar e por último 1 lata de creme de leite sem soro e 1/2 colher de chá de essência de baunilha; • Em um pirex, fazer uma camada de creme, uma camada de chocolate misturado com leite, os bombons picados e uma camada do creme feito com as claras em neve; • Ralar 1 tablete de 180g de chocolate ao leite usar a parte que se corta batata fina para ficar em fitas e jogar em cima do doce, levar para gelar; • Retirar da geladeira na hora de servir.

Preparar o creme

• 2 xícaras de chá de chocolate em pó; • 2 xícaras de chá de leite; • 4 colheres de sopa de açúcar; • 1 lata de creme de leite; • 1/2 colher de chá de essência de baunilha; • 1 tablete de chocolate ao leite.

44 | AGOSTO 2011 | impacto

Dica: Se a sua família gosta muito de doce, faça outra opção de sobremesa em vez de aumentar a quantidade da receita.


Dica de Leitura

Pais Brilhantes, Professores Fascinantes ormar crianças e adolescentes sociáveis, felizes, livres e empreendedores é um belo desafio nos dias de hoje. A solidão nunca foi tão intensa: os pais escondem seus sentimentos dos filhos, os filhos escondem suas lágrimas dos pais, os professores se ocultam atrás do giz.

A quem interessa este livro? Aos pais, aos professores da pré-escola, do ensino fundamental, médio e universitário, aos psicólogos, aos profissionais de recursos humanos, aos jovens e a todos os que desejam conhecer alguns segredos da personalidade e enriquecer suas relações sociais. Pais Brilhantes, Professores Fascinantes é um ótimo exemplo do talento de Augusto Cury: um livro cheio de valiosas contribuições para a autoestima e desenvolvimento das pessoas. Este livro vai mudar para sempre sua visão sobre como produzir uma educação excelente. O estresse e a ansiedade fazem parte da rotina de jovens e adultos. A produção de conhecimento se multiplicou, mas as novas gerações não estão sendo formadas para pensar e sim para repetir informações. A educação mundial passa por uma crise sem precedentes. Há esperança. Sim! Neste livro o psiquiatra e cientista Augusto Cury mostra que é preciso cultivar a emoção e expandir a inteligência dos jovens. E, para isso, os pais e professores precisam de ferramentas para estimular as crianças e os adolescentes. Ele mostra que para fazer a diferença temos de adquirir os sete hábitos dos pais brilhantes e dos professores fascinantes. Além disso, ele chama a atenção para os sete pecados capitais dos educadores e ensina dez técnicas pedagógicas que podem revolucionar tanto a sala de aula quanto a de casa. Autor: Augusto Cury impacto | AGOSTO 2011 |

45


Manoel Afonso

Jornalista

www.manoelafonso.com.br

LIDERANÇA POLÍTICA: FILHO DE PEIXE... onrar a hereditariedade não é fácil. Eu diria – raridade. Quase sempre independe da boa vontade do herdeiro e das condições locais. Isso é visível em todos os segmentos da atividade humana, desde que o homem é homem. Alguns exemplos para tornar o texto mais leve. Quais herdeiros conseguiram atingir o mesmo nível dos pais no mundo artístico? Aqui no Brasil temos Gonzaguinha e a Maria Rita dentre as exceções na música. Chico Anísio queria, tentou, mas seus filhos não chegaram nem perto. Seria demais exigir que a filha do Pavarotti cantasse ópera. O mesmo ocorre nos esportes. O filho de Emerson Fittipaldi não vingou, os filhos de Pelé e Zico passam longe do brilho deles e por aí afora... Você por acaso ouviu falar que um dos filhos do Antonio Ermírio de Moraes pudesse ser chamado de sucessor ideal? Na vida pública não é diferente aqui e em qualquer parte do mundo. Ser filho de um grande líder não é garantia de talento, como se diz, não é carimbo no passaporte para a notoriedade. Ima-

46 | AGOSTO 2011 | impacto

ginem se Winston Churchill, JK. Getúlio Vargas, Brizolla e outras personalidades notáveis tivessem deixado sucessores com tamanha capacidade e envergadura? Acompanhando a vida pública e o noticiário acabamos estabelecendo comparações entre pais e filhos. Da velha safra de lideranças, quais são aquelas que tiveram continuidade sem perder o nível? Quando ACM morreu, todos perguntaram: e agora? O filho, seu suplente e que assumiu, só lembra o pai na aparência física. A esperança fica depositada em ACM Neto. É o mesmo caso que ocorreu com Tancredo. A salvação da lavoura foi também um neto; Aécio. Vale citar ainda o caso de José Sarney que investiu nos filhos Zequinha e Roseane. O primeiro é limitado, opaco. Ela – já perdeu a chance de disputar a presidência e hoje tem problemas sérios de saúde. Aqui no Estado não é fácil localizar os sucessores que corresponderam. Pedrossian bem que tentou, mas seu filho Pepê não demonstrou aptidão; Wilson investiu em Celina que após vários mandatos foi escolhida Conselheira do TC; Londres percebeu a inaptidão do filho Guy e apos-

tou as fichas na filha Graziela, ainda sem vôo próprio. Canalle, Juvêncio, Levy, Albino, Schimidt, Figueiró, Marcelo Miranda e Italívio não desenvolveram projeto neste sentido. Destaque para Rachid, que encaminhou Flavio, de futuro promissor, e que acabou falecendo ainda novo. A família Trad, liderada por Nelson, vem apresentando competência na ocupação de espaços na vida pública. O plano visa dotá-los primeiro de preparo intelectual para depois concretizar o batismo nas urnas. Nelsinho vai bem, Marquinhos é o diferencial na Assembléia e Fábio se elegeu à Câmara Federal. Outra ação de sucesso foi de Ramez Tebet. A filha Simone trabalhou na Assembléia, elegeu-se deputada passou pela prefeitura de Três Lagoas e se elegeu vice governadora. Hoje já se pode dizer que ela tem luz própria, ganhando respeito também como administradora. Conclusão: se nem sempre filho de peixe, peixinho é, presume-se que qualquer cidadão têm chances de se firmar como líder. O Lula está aí para confirmar!


Fotos e Fatos impactantes

As fortes chuvas que atingem o Rio Grande do Sul, desde o dia 15 de julho, diminuíram segundo dados da Defesa Civil do estado. O último balanço do órgão apontava que pelo menos 110,3 mil pessoas tiveram prejuízos com as enchentes e inundações, que fizeram com que milhares de pessoas deixassem suas casas no estado. Entre as cidades mais afetadas estão Novo Tiradentes, Arvorezinha, Bom Princípio, Arvorezinha, Itapuca e Encantado.

Quais seriam as medidas ideais de uma Miss? 90 de busto, 60 de cinA cantora Amy Winehouse, morreu aos 27 anos, no último sábado 23 de julho

tura, 90 de bumbum? Nada disso! A

em sua casa em Camden Square. Possivelmente a morte ocorreu por overdose de medida ideal é 100... anos de idadrogas. No ápice da carreira, Amy deixou uma bagagem musical para o jazz e o de! Felma Schrimshire mostrou que soul, bem como, algumas músicas incompletas que podem fazer parte de um ál- ainda tem rebolado e virou Miss ao bum póstumo. A decisão sobre o lançamento dessas 100 anos. Ela participou do concurcanções e do terceiro álbum de Amy Winehouse está so Miss Asilo Alabama, nos Estados nas mãos dos pais da cantora. Mitch e Janis terão que decidir, em breve, o que fazer com o “tesouro” Unidos e derrotou todas as outras 75 deixado pela filha.

participantes. impacto | AGOSTO 2011 |

47


MS em

BRASÍLIA

Vereadores de Aparecida do Taboado visitam senador Antonio Russo em Brasília

O presidente da Câmara Municipal de Aparecida do Taboado, Mauro Sampaio de Souza (Maurão), o vice-presidente, Rodrigo Queiroz Neto e os vereadores Carlinho Lageado e Walteir José de Oliveira estiveram no gabinete do senador Antonio Russo (PR-MS) no dia 6 de julho. Antonio Russo explicou que a ex-senadora Marisa havia apresentado uma emenda no valor de R$ 400 mil para a construção de uma creche no município. “Agora estou em fase de acompanhamento das emendas de Marisa. As emendas parlamentares de minha autoria só poderão ser apresentadas em outubro para o orçamento de 2012”, informou.

Emenda de Moka proíbe corte de verba para faixa de fronteira em MS Os recursos do Orçamento da União destinados a obras e projetos nos municípios situados na faixa de fronteira em Mato Grosso do Sul não poderão ser objeto de corte ou contingenciamento do Governo federal. O relator da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) 2012, deputado Márcio Moreira (PP-MG), acatou emenda nesse sentido do senador Waldemir Moka (PMDB), relativa ao Orçamento do Ministério da Integração Nacional, de onde sai a maior parte da verba destinada a ações na faixa de fronteira.

Ministro atende a Delcídio e libera recursos para cidades atingidas por calamidades Atendendo a pedido feito pelo senador Delcídio do Amaral (PT/MS), o ministro da Integração Nacional , Fernando Bezerra, assinou no dia 19 de julho, portarias que liberam recursos no valor total de R$ 6,7 milhões para seis municípios sul-mato-grossenses que no ano passado sofreram com problemas climáticos. As portarias foram publicadas no Diário Oficial da União de 20 de julho. Os municípios atendidos com as portarias são Anaurilândia (R$ 1,1 milhão), Batayporã (R$ 1 milhão), Naviraí (R$ 1,8 milhão) Nova Andradina (R$ 800 mil), Selvíria (R$ 450 mil) e Três Lagoas (R$ 1 milhão e 640 mil).

LDO conta com cinco emendas de Marçal O parlamentar foi o único deputado de Mato Grosso do Sul a aprovar emendas na LDO de 2012. A Comissão Mista de Planos, Orçamentos Públicos e Fiscalização (CMO), da qual o deputado Marçal Filho (PMDB), é membro titular, concluiu a votação do Projeto de Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) de 2012, que tem como relator o deputado Márcio Reinaldo Moreira (PP-MG). O texto acolheu 16 destaques, sendo 11 de forma integral e cinco parcialmente. Dos seis destaques apresentados pelo Deputado sul-mato-grossense, um deles foi aprovado integralmente e outros quatro de forma parcial. De Marçal Filho, a Comissão acatou de forma integral o destaque à Emenda de sua autoria estabelecendo que o Poder Executivo Nacional desenvolva, até o fim do exercício de 2012, um banco informatizado de projetos de investimentos a ser utilizado para acompanhamento da execução dos projetos do Orçamento da União em andamento, bem como para maturação de novos planos a serem dotados.

48 | AGOSTO 2011 | impacto

Fábio Trad sugere pena de multa para usuário de drogas não viciado O deputado federal Fábio Trad (PMDB – MS) disse na Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania da Câmara Federal (CCJ), durante debate sobre o abrigamento compulsório de crianças usuárias de crack, que pretende apresentar um projeto de lei esmiuçando as diferenças entre o usuário de drogas que é dependente e o que usa drogas leves mas não é viciado. Membro titular da Comissão Especial da Casa destinada a promover políticas públicas nacionais de combate, prevenção e recuperação dos efeitos do crack, Fábio considera necessária a afirmação desta diferença e a construção de penalidades legais diferenciadas para cada um destes grupos.


Giroto garante R$ 5,4 milhões para aeroporto Parceria com Adepol leva Azambuja para Santa Maria, em Campo Grande A Secretaria Comissão que analisa PECs da Segurança de Aviação Civil Pública (SAC) empenhou (procedimento contábil que antecede a liberação) R$ 5,393 milhões para obras no aeroporto da Estância Santa Maria, localizado em Campo Grande. Este empenho atende ao pedido feito à pasta em maio deste ano pelo deputado federal Giroto (PR-MS), pelo governador André Puccinelli (PMDB) e pela vice-governadora Simone Tebet (PMDB). Este recurso foi assegurado com a inclusão dos aeroportos localizados na capital e também no município de Dourados, no Plano de Investimentos do Programa Federal de Auxílio a Aeroportos (PROFAA) de 2011, conforme portaria publicada no Diário Oficial da União de 26 de maio. Ao todo serão aplicados R$ 10,8 milhões nas duas unidades.

Respeitando a parceria que mantém com a Adepol (Associação de Delegados de Policia Civil) de Mato Grosso do Sul, o deputado Federal Reinaldo Azambuja integra a comissão especial que vai analisar as PEC’s sobre segurança pública, além de rever debater todas as PEC’s que já foram apreciadas em outras comissões e estão aguardando votação em plenário. Criada em 29 de junho a Comissão está organizando uma agenda e deve intensificar os trabalhos quando do retorno do recesso parlamentar.

mimos nossas responsabilidades”

O deputado federal Antônio Carlos Biffi (PT) desde o ano de 2007 durante a gestão do ex-prefeito Waldeli dos Santos Rosa (sem partido) e do vice-prefeito na época Edson Martins Moraes (Kiabo/PMDB) juntamente com o vereador José Alcides Carrijo (Caquim/PT) vem lutando em busca de uma emenda de R$ 1 milhão (um milhão de reais) que irá beneficiar os moradores da Vila Nunes com uma obra de abastecimento de água e esgotamento sanitário. Em junho, na capital, o governo estadual e a Funasa - Fundação Nacional de Saúde assinaram convênios para a execução de obras de abastecimento de água e esgotamento sanitário com investimentos de aproximadamente R$ 9,5 milhões (nove milhões e quinhentos mil reais). A Sanesul elaborou os projetos e será responsável por realizar as obras como interveniente executora.

Após anos de luta do deputado Biffi, Costa Vander e o semestre político: “Assu- Rica recebe emenda de R$ 1 milhão A responsabilidade política do PT e da base de sustentação do governo assumiu todos os desafios que a conjuntura política e institucional do País apresentou ao Congresso Nacional neste semestre, com testes complexos e difíceis para os seis primeiros meses de mandato de um governo exercido pela primeira mandatária da Nação. A análise é do deputado federal Vander Loubet (PT-MS), ao afirmar que tanto a base quanto o governo têm um saldo extremamente positivo pelo que se fez no período. As 23 medidas provisórias aprovadas no primeiro semestre, a votação de mais de 300 matérias no Plenário e nas comissões – das quais mais de 80 foram aprovadas pela Câmara – asseguraram elogios de diversos ministros de Estado aos deputados. “Tudo sinaliza que o governo e a Câmara estão em sintonia em relação às mudanças necessárias para segurança dos rumos econômicos e sociais”, afirmou o parlamentar sul-mato-grossense.

Mandetta entre os representantes brasiFNDE libera R$ 750 mil para leiros no Parlamento do Mercosul obras do Presidente Vargas

Trabalho de Geraldo Resende em pleno recesso parlamentar dá resultados para encaminhamento de pleitos importantes para Dourados. Deputado também terá audiência no Planalto com ministra Ideli Salvati, da Articulação Política, para discutir emendas e restos a pagar O MEC depositou, através do FNDE (Fundo Nacional de Desenvolvimento do Ensino) a segunda parcela de R$ 750 mil para as obras de reconstrução da Escola Estadual Presidente Vargas em Dourados, totalizando a liberação de R$ 1,5 milhão. A primeira parcela foi liberada no último dia 12. O processo licitatório será concluído no dia 18 de agosto e as obras começam até setembro.

O deputado Luiz Henrique Mandetta (DEM-MS) foi confirmado como membro titular da Representação Brasileira no Parlamento do MERCOSUL (Parlasul). Após ser indicado pela liderança do DEM, o nome de Mandetta foi ratificado pela presidência da Mesa do Congresso Nacional. As indicações seguem as diretrizes da Resolução 1/11 do Congresso Nacional. A resolução garante novo mandato para a representação brasileira e amplia de 18 para 37 o número de parlamentares da representação, dos quais 27 serão deputados e 10 senadores. impacto | AGOSTO 2011 |

49


Camapuã Fotos: Marco Miatelo Governador André, deputado Marcio Fernandes e o prefeito Marcelo, entregaram a chave ao casal beneficiado com uma casa em Camapuã

Mais de 100 famílias de Camapuã realizam o sonho da casa própria Governo e concessionária de energia também entregaram geladeiras a outras 200 famílias governo do Estado entregou no dia28 de julho, casas para 117 famílias de Camapuã. A solenidade contou com a presença do governador André Puccinelli e do vice-líder do governo, deputado estadual Marcio Fernandes (PTdoB). Representando a Assembleia Legislativa no evento, Marcio Fernandes destacou a felicidade no semblante dos beneficiados, que realizaram o sonho da casa própria. O prefeito de Camapuã, Marcelo Duailibi, agradeceu publicamente, mas também aproveitou a presença do governador para pleitear mais casas para reduzir ainda mais o déficit habitacional do município. André Puccinelli esclarece que o governo decidiu investir na construção de casas por três motivos fundamentais: por gerar empregos, por aquecer o comércio e, além disso, por, ao final das obras, garantir teto para as famílias. Com a entrega das 117 casas em

50 | AGOSTO 2011 | impacto

Camapuã o governo cumpre mais uma etapa para atingir a meta de construção de 50 mil unidades até o fim de 2014 (segunda gestão). Na primeira gestão, o governo do Estado construiu 44 mil.

Eficiência energética Além das casas, outras 200 famílias de Camapuã também receberam nessa quinta geladeiras ao serem beneficiadas pelo Programa de Eficiência Energética, resultado de parceria entre o governo do Estado, a Assembleia Legislativa e a empresa concessionária de energia elétrica Enersul.

tado que mais contribuiu com a administração de Jaraguari ao longo do mandato anterior. Carequinha aproveitou a ocasião para solicitar ao deputado a destinação de recursos estaduais, via emenda parlamentar, para a aquisição de uma ambulância para o município. Marcio Fernandes também visitou obras em execução no município, tais como a obra de pavimentação de ruas urbanas. Alcindo Rocha

Jaraguari O deputado estadual Marcio Fernandes esteve em Camapuã acompanhando o governador e também passou em Jaraguari, onde conversou com o prefeito Carequinha. Marcio Fernandes é o depu-

Prefeito Carequinha e deputado Marcio Fernandes visitam obras em Jaraguari


Eleições 2012 Foto: Junior Dallaphoto

Presidente do PTB fala sobre possíveis candidatos as eleições em 2012 PTB (Partido Trabalhista Brasileiro) se prepara para as eleições no Estado em 2012. O presidente do partido em Mato Grosso do Sul, Ivan Louzada, em entrevista exclusiva a Revista Impacto explicou como estão às articulações políticas que definirão os futuros prefeitos e vereadores pelo PTB/MS. “Estamos buscando os companheiros que queiram vir ao partido orientados pelo PTB nacional, ou seja, temos que lançar candidatos no maior número de municípios possíveis no Estado, inclusive em Campo Grande”, relatou Ivan. Mesmo afirmando essa força de vontade em trabalhar, Louzada afirmou que em Campo Grande não há um candidato estabelecido pelo PTB, porém, ele acredita que até outubro se tenha alguns nomes para a disputa do pleito. “Não vamos fazer coligação na proporcional e na majoritária nós não temos restrição a partido nenhum. Atualmente temos sugestões de 12 a 15 pré-candidato

a nível de Estado, venho conversando com o governador André Puccinelli para nos ajudar a fazermos prefeito e vereadores pelo PTB nos municípios de MS”, disse o presidente. Ao falar de pré-candidatos Ivan citou alguns dos possíveis nomes. “Em Aparecida do Taboado temos duas sugestões de candidatos o Dr. Giovane e Dr. Alexandre, em Porto Murtinho o Italívio Coelho Netto, em Aral Moreira o Edson que é candidato a reeleição, em Ponta Porã temos o Álvaro que tem duas opções de partido para se filiar o PTB ou PMDB, em Sonora temos o Clayton, em Nioaque o Zaquinha, em Guia Lopez o nome cogitado é o Coronel Vila Santi, em Itaporã o Wallas que está sem partido, em Coronel Sapucaia o Clayton que é empresário, em Glória de Dourados busco o ex-deputado Claudinei da Silva e em Anastácio o ex-prefeito Nildo Alves, e dessa forma estamos estudando os possíveis candidatos”, afirmou Ivan. Atualmente o partido conta com três

prefeitos pelo PTB /MS (Selvíria, Aral Moreira e Maracaju) e três vice-prefeito (Rio Negro, Bodoquena e Ladário), no total são 28 vereadores, eram 29, porém, houve o falecimento do vereador Zé Miguel de Ribas do Rio Pardo. “Nessas eleições de 2012 pretendemos fazer de cinco a oito prefeitos em Mato Grosso do Sul e de 35 a 40 vereadores”, relatou o presidente. Aproveitando o momento em que Campo Grande completa 112 anos, em 26 de agosto, Ivan deixa sua felicitação. “Campo Grande é uma cidade ótima para viver, cidade que tem amor pelo seu povo, o prefeito Nelson Trad Filho e o governador André Puccinelli fazem o que podem por essa cidade e o resultado que temos é a qualidade de vida. Deixo ao povo campograndense minha mensagem de amor, carinho e fraternidade. Campo Grande é uma cidade linda e eu sou apaixonado por essa capital”, finalizou. Da Redação impacto | AGOSTO 2011 |

51


RenataPimentel

Advogada

DANOS DECORRENTES DA RELAÇÃO DE CONSUMO comum ouvirmos falar de casos concretos de abusos praticados contra o consumidor, que por ser a parte mais frágil na relação de consumo acaba por ser prejudicado de diversas maneiras. O Direito visa sempre a proteção dos direitos do consumidor, sendo que tais direitos estão inclusive previstos na Constituição Federal, que em seu artigo 5º, XXXII nos traz que “o Estado promoverá, na forma da lei, a defesa do consumidor”. Nos últimos anos, com uma maior conscientização da população a cerca de seus direitos, cresce a demanda de ações que visam reparar os danos decorrentes das relações de consumo. Abaixo, citamos os principais abusos cometidos e as medidas que deverão ser tomadas. INCLUSÃO INDEVIDA EM ÓRGÃOS DE PROTEÇÃO AO CRÉDITO Incluir o nome do consumidor indevidamente na lista de maus pagadores é prática comum por parte de alguns fornecedores, e pode gerar graves danos de ordem moral e material ao consumidor, que deverá ser indenizado. É fundamental que o consumidor guarde as provas da inclusão indevida, pois quanto melhor for a prova, mais justa será a indenização estabelecida pelo juiz

monetariamente atualizado, sem prejuízo de eventuais perdas e danos; • o abatimento proporcional do preço, de acordo com o defeito apresentado. Prazo para reclamação: 30 dias para os produtos ou serviços não duráveis e de 90 dias para os produtos e serviços duráveis; Contagem do prazo: da data da entrega do produto ou do término do serviço nos casos em que o defeito é fácil de ser detectado e da data em que se descobriu o defeito nos casos em que o defeito é difícil de ser detectado.

DEFEITO DO SERVIÇO OU DO PRODUTO

DANOS MORAIS

Nos casos em que o serviço prestado apresenta defeito, o consumidor tem o direito de exigir: • que o serviço seja feito novamente, sem novo desembolso por parte do consumidor; • a restituição do valor pago, imediatamente, monetariamente atualizado, sem o prejuízo de eventuais perdas e danos; • o abatimento proporcional do preço, de acordo com o vício apresentado. Nos casos de defeito de fabricação do produto, o consumidor poderá exigir que o defeito seja sanado, e o fornecedor terá até 30 dias para corrigi-lo. Caso esse prazo não seja respeitado, o consumidor poderá exigir: • que o produto seja substituído por outro da mesma espécie, em perfeitas condições de uso; • a restituição do valor pago, imediatamente,

Nas relações de consumo atuais há muitas formas de abuso praticados contra o consumidor e que geram dano moral. Dentre as práticas abusivas de fornecedores de produtos e serviços estão:

52 | AGOSTO 2011 | impacto

• Abordagem indevida por suspeita de furto Muitas vezes o consumidor efetua um compra, paga por todos os produtos adquiridos e é barrado por seguranças na porta do estabelecimento. Isso pode ocorrer por que o funcionário deixa de retirar a etiqueta magnética, causando o disparo de alarme, algumas vezes, o consumidor é barrado apenas porque há desconfiança de que estaria furtando, sem que haja nenhuma evidência. Em alguns casos o descaso com o consumidor vai além de simples abordagem, havendo casos em que o consumidor sofre agressões verbais e físicas.

• Longa espera em filas Em alguns Estados já existem leis determinando o limite de tempo que o consumidor deve esperar em filas até ser atendido. Apesar disso, muitas vezes o consumidor sofre tal abuso, que é causado única e exclusivamente pela contensão de despesas por parte dos fornecedores, que deveriam disponibilizar de mais funcionários para que o atendimento ao consumidor seja mais célere. • Cobranças abusivas Ao cobrar uma dívida, o fornecedor não pode expor o consumidor a situação vexatória. Assim, quando o consumidor é cobrado de maneira desrespeitosa e sente-se agredido moralmente pode buscar ressarcimento por tal dano. • Extravio de bagagem Nos casos em que o consumidor tem sua bagagem extraviada, deve tomar o cuidado de fazer uma relação de todos os objetos que haviam dentro da mala, especificando a quantidade de itens e as suas características, pois o fornecedor do serviço deverá indenizá-lo por todos os seus pertences e por eventual dano moral. Em todos esses casos, o consumidor deverá procurar o fornecedor do produto ou serviço para tentar resolver o problema de maneira amigável. Em alguns casos é necessário buscar o Judiciário para ter seu direito garantido, caso em que o consumidor deverá consultar um advogado, sempre munido de todas as provas que tiver do dano sofrido.


São Gabriel do Oeste Fotos: Tineke B. Effgen

Festa do Leitão no Rolete é sucesso em São Gabriel m sua 18ª edição, a Festa do Leitão no Rolete mais uma vez deu brilho ao município de São Gabriel do Oeste, no primeiro fim de semana de agosto. Milhares de pessoas saborearam os 224 leitões assados, atrativo principal da festa, complementados por cerca de mil quilos de costelinha e linguiça suína. A movimentação, no entanto, não ficou apenas na gastronomia. Inúmeras pessoas foram atraídas à festa por conta das 40 empresas expositoras e 16 atrações musicais que passaram pelo município – entre eles Bruno e Marrone e Munhoz e Mariano. Ainda na área musical, o quarto Festival da Canção levou ao município mais de 80 candidatos de cinco estados para concorrer a mais de R$ 10 mil em prêmios nas categorias Sertanejo e Popular. Depois de dois dias de eliminatórias e muito trabalho, paranaenses e um sul-mato-grossense levaram a melhor. Na categoria popular, a primeira colocação ficou com Maycon Balbino, de Chapadão do Apresentação do CTG Chama Crioula durante a abertura da Sul. Na comFesta do Leitão no Rolete

petição sertaneja, levaram a melhor os paranaenses Tonny Santos e Flávio, de Chopinzinho.

Deputados Junior Mochi e Marcio Fernandes, prefeito Sérgio Marcon, André Puccinelli, presidente da Cooasgo, Jair Borgmann e deputado Reinaldo Azambuja na Festa do Leitão

cia do Banco da Gente para São Gabriel do Oeste e uma parceria com a Associação para o Melhoramento da Segurança Pública de São Gabriel para a construção de casas para policiais. “O aluguel é considerado caro em São Gabriel e muitos policiais se negavam a vir morar aqui por conta dos custos de moradia. Por isso, juntamente com a Amesp, vereadores e deputados, buscamos este auxílio”, explica o prefeito Sérgio Marcon. Tineke Bronkhorst Effgen Maycon, o vencedor da Categoria Popular recebeu o troféu das mãos do prefeito Sérgio Marcon

AUTORIDADES – A 18ª Festa do Leitão no Rolete também atraiu diversas autoridades estaduais, como o governador André Puccinelli. Acompanhado do prefeito Sérgio Marcon, o gestor estadual visitou os estandes e conversou com expositores. Na visita ao município, André e Sérgio aproveitaram ainda para assinar importantes convênios, como a vinda de uma agên-

Prefeito Sérgio Marcon e governador André assinaram convênio para construção de casas para policiais, ao lado do presidente da Amesp, Volmir Bernardi e do vereador Fernando Rocha

impacto | AGOSTO 2011 |

53


Guimarães Rocha

Membro da Academia Sul-Mato-Grossense de Letras / Poeta

Meu Mato Grosso do Sul Eu quero falar do meu Mato Grosso do Sul como um grande Estado exportador de cultura e arte. Nós — os poetas — cultuamos não apenas a grandeza econômica da nossa Terra construída com a força e o gênio dos destemidos pioneiros. Queremos cantar a natureza, as riquezas do pantanal, e também divulgaremos uma solução nova para os problemas do Brasil. Educação é e sempre será essencial para a civilização, mas apenas a educação do verniz, não basta. É preciso espiritualidade, e o desafio do poeta é exportar a arte e a cultura do nosso povo. Não somos o Estado apenas do boi, não somos de um poeta só. Não temos apenas uma música, nem apenas um livro. Pela poesia mostramos o que é o nosso Estado, exportador daquilo que é a grande solução brasileira: arte, cultura e espiritualidade.

54 | AGOSTO 2011 | impacto


Social de impacto

Por Junior Dallaphoto (Fotógrafo)

Eita “nóis”, que festinha boa sô! Em um clima descontraído e no estilo country o gatinho Isacc Gomes brincou e aproveitou tudo que podia na sua festinha de um ano, seus pais Gilmar Gomes e Rosângela Gomes, receberam todos os amigos com muito carinho no salão Paroquial de Terenos. A Decoração e o cerimonial estavam impecáveis e foram feitas pela equipe Sonho Encantado (67 9239-6479), e tudo registrado pelo Estúdio Fotográfico Dallaphoto (67 3029-9059).

Gisele Silveira assistente do Legislativo de Rio Verde, no foco da Impacto.

Juarez Pereira, 1º secretário da Câmara de Camapuã, e o presidente da Casa Élix Rezende

Em entrevista descontríada, o prefeito Nelsinho, falou do aniversário da capital com o jornalista Eli Sousa

56 | AGOSTO 2011 | impacto

O governador André aproveitou a oportunidade e parabenizou a administração de Campo Grande e a população pelos 112 anos da capital

www.dallaphoto.com.br 67 9676 6623 | 9254 4714 dallaphoto@hotmail.com Siga no Twitter: @dallaphoto


Ação Fotos: Instituto Você

“Arraiá” 1234 reverteu renda arrecadada a instituições beneficentes da Capital O ARRAIÁ 1234 contou com vocenianos, familiares e amigos Instituto Você, empresa que há mais de 15 anos atua no mercado ministrando cursos e treinamentos voltados ao desenvolvimento humano, utilizando-se de técnicas exclusivas e revolucionárias e com filial em Campo Grande (MS), realizou em 16 de julho, o “Arraiá” 1234. A festa contou com a tradicional quadrilha, bingo e inúmeras atrações. Além da confraternização o arraiá foi beneficente e toda a arrecadação foi destinada à AACC/ MS, Asilo São João Bosco e AAPAES Lar das Crianças e Adultos Portadores de AIDS. O sucesso da festa foi garantida. E para provar que a união faz a força destacamos o trabalho das barracas que foram montadas por amigos vocenianos, o cachorro quente e o milho verde ficou por conta dos casais Rosinéia e Virgílio junto com Júnior e Francisca (Supermercado Mister Junior), a barraca de pastel foi doada pelo casal Cléber e Vanessa (Cleber Nantes Martelinho de Ouro), a Barraca de Doces ficou no comando do casal Erasmo e Raquel (Ipevox GVT), um dos pontos altos do evento foi o carreteiro do companheiro de

equipe e revelação como cozinheiro Fabio Arantes e seus auxiliares: Regina, Mariana e Tiago Sandin, a barraca de pescaria foi organizada por uma voceniana de longa data Elaine (Cia de Ideias), os brindes para o bingo vieram da Ellen (Casa & Coisa) e do Guia Cidade que também deu apoio na organização do evento e na divulgação junto com a Fundação Manoel de Barros através da Rádio “Uniderp FM”. A união destas pessoas, somada à dedicação da Suely, Delmar e Regina (Instituto Você) e outros apoiadores como: Thiago Maranhão, Jace, Alan, Kallyna, Elizangela, Fernando, Camila da Silva, Rafaela da Silva, Camila, Anne e contando ainda com o apoio de algumas empresas e empresários com doações (Paulistão, Vagner Santos, LDC, Águas do Pantanal, Refrigel, OK Comunicação, Jamil Sato, Posto Diamante, Refrigeração Centro Oeste, Panificadora Monte Líbano, Alessandro, Cidão, Flávio e Janer), fizeram a diferença no resultado do evento, que irá propiciar com seu resultado na ajuda da reforma dos beliches da AACC/MS. “Este é o espírito do Instituto Você, até quando pensamos em fazer uma festa

de confraternização, pensamos em ajudar, essa é a nossa missão” disseram os diretores do Instituto Você, Suely e Delmar. Para reforçar tal alegria Delmar ilustrou um comentário com a seguinte metáfora. “Um dia a selva esta pegando fogo, e todos os animais fugiam em disparada do fogo ardente, quando no meio de toda correria o elefante passa por um beija-flor que voava em direção ao fogo, e diz: - Onde você vai beija-flor? Está tudo pegando fogo. O beija-flor responde: - Estou levando água no meu bico para apagar o incêndio. Espantado o elefante responde: - Mas a água que você carrega é muito pouco, não dá para apagar nada. O beija-flor exclama: - Eu estou dando o máximo que posso! Eu estou fazendo a minha parte. E nesse evento a colaboração de muitos beija-flores e isto é maravilhoso”, finalizou Delmar. Te aguardamos em 2012, onde se promete outra maravilhosa festa. Instituto Você

impacto | AGOSTO 2011 |

57


Garota impacto Seja a Garota Impacto da sua cidade, acesse www.dallaphoto.com.br ou envie suas informações para dallaphoto@hotmail.com

Nome: Jéssica Ferreira Idade: 20 anos Local de nascimento: Porto Velho / RO Reside em: Inocência / MS Peso: 64 kg Altura: 1.69 m Busto: 62 cm Quadril: 100 cm Estado civil: Solteira Trabalhos realizados: Propaganda de festas e comerciais Disponibilidades para: Modelo fotográfico, apresentação de produtos, eventos relacionados à moda ou desfiles Contato para trabalhos profissionais: Estúdio Fotográfico Dallaphoto – 67 3029-90559 / 9676-6623 / 9254-4714

58 | AGOSTO 2011 | impacto


Revista Impacto Agosto 2  

Revista Impacto Agosto 2

Advertisement