Page 1

E AGORA, O FUTURO AS CARAS DOS PRÓXIMOS 4 ANOS

Pág. 24

INFOMAIL: BALANÇO DO ANO DE 2017 NO MUNICÍPIO DE FARO

CÂMARA LIBERTA-SE DO PLANO DE REEQUILÍBRIO FINANCEIRO Pág. 3

“FARO REQUALIFICA” TRANSFORMA CONCELHO Pág. 5

APOIOS AO ASSOCIATIVISMO ATINGEM VALORES RECORDE Pág. 9


2

Editorial

E AGORA, O FUTURO “Prometo ouvir e dialogar com todos – – as pessoas conhecem-me. Mas a decisão será sempre tomada em função do interesse coletivo. “ Este é o primeiro boletim que editamos após a

Temos uma nova rede viária um pouco por todo o con-

dária do que nunca. Uma cidade que apoiou o fer-

eleição do passado dia 1 de outubro. Nesta, os

celho – cidade e freguesias têm novas condições de cir-

vilhante movimento associativo e as juntas de fre-

farenses entenderam renovar e reforçar a sua

culação, em conforto e segurança, em nada comparáveis

guesia, que tratou da sua habitação social.

confiança no executivo por mim presidido, e de-

com o que subsistia há muito pouco tempo atrás. Melho-

Para 2018 as expetativas são altas – na cultura, no

cidiram emprestar-nos mais 4 anos para desen-

rámos as ruas, mas também as escolas e os equipamen-

ambiente, na mobilidade, na ação social. E, claro,

volvermos o nosso projeto. Pela minha parte,

tos municipais.

na proximidade com o mar. Numa próxima ocasião,

reitero o compromisso assumido, de continuar a

Na cultura e nos espetáculos, o Festival F cresceu para

conto dar-vos as melhores novidades sobre o anda-

colocar o interesse da nossa comunidade acima

três dias e afirmou-se definitivamente no calendário na-

mento do nosso projeto para o cais comercial e para

de interesses individuais, dos partidos, dos gru-

cional – um desiderato alcançado muito pela visão e em-

a requalificação de toda a zona ribeirinha da cida-

pos de pressão e outros. Prometo ouvir e dialo-

penho do seu criador, Joaquim Guerreiro, que este ano

de, que este ano colocaremos em marcha.

gar com todos – as pessoas conhecem-me. Mas

nos deixou dolorosamente. Também de Joaquim Guer-

Muito obrigado por acreditarem em nós e um ano

a decisão será sempre tomada em função do in-

reiro é a responsabilidade pelo papel central que o Tea-

de 2018 muito feliz para todos.

teresse coletivo.

tro das Figuras ocupa no panorama cultural global, com

Agora que deixámos o problema da dívida para

espetáculos e aceitação muito acima do que era usual.

trás, pagando tudo a todos a tempo e horas,

Este é um concelho cada vez mais vivo, aberto e cosmo-

foi também tempo de recuperarmos dos anos

polita. Um concelho onde as culturas têm lugar. As tra-

de inação.

dicionais e as contemporâneas.

2017 foi, assim, um ano de grandes realizações.

Mas Faro, em 2017, foi também uma cidade mais soli-

O Presidente da Câmara Municipal,

Índice finanças

3

ambifaro | mercado

20

destaque

4

turismo e economia

21

faro requalifica

5

proteção civil e sanidade animal

22

apoio ao associativismo

9

ambiente | fagar

23

cultura

10

cidadania

24

eventos | animação

12

teatro municipal

25

eventos | desporto

16

relações internacionais

26

ação social

18

deliberações

27

educação

19

transparência financeira

28

FICHA TÉCNICA: Conceção e Produção: Município de Faro Impressão: Naveprinter - Indústria Gráfica do Norte SA Tiragem: 35.000 exemplares Preço por exemplar: 0,11€ DISTRIBUIÇÃO GRATUITA

Contactos gerais: Município de Faro Largo da Sé, 8004-001 Faro Portugal Telefone +351 289 870 870 Fax +351 289 870 039 E-mail: geral@cm-faro.pt www.cm-faro.pt


3

FINANÇAS

PAEL Um fim antecipado

Se a subscrição do programa era por si só já um sinónimo de uma toada evidente de recuperação da credibilidade da Câmara de Faro, o seu desfecho a 1

pagar dívidas antigas de curto prazo no montante de euros previstos nos encargos do empréstimo nesse de 16,7 milhões de euros, devolvendo a confiança a horizonte temporal, esta foi e é hoje ainda uma notícia

de março de 2017, com a liquidação total e antecipada

parceiros e fornecedores e restituindo a justiça às que nos lembra que longe estão os tempos em que a aucontas da autarquia, via assim cumprida a sua fi- tarquia demorava em média 380 dias (2010) para fazer

do empréstimo remanescente apenas o confirmou.

nalidade 16 anos antes do previsto.

O programa, que permitira desde março de 2014

Para além de uma poupança superior a 2,5 milhões ramente mais saudáveis 41 dias.

PRAZO MÉDIO DE PAGAMENTO EM DIAS

face aos seus compromissos, ao invés dos atuais e segu-

CÂMARA LIBERTA-SE DO PLANO DE REEQUILÍBRIO FINANCEIRO

A restituição da autonomia financeira

2010 380 DIAS

2012 330 DIAS

2014 290 DIAS

2017 41 DIAS

INVOLUÇÃO DA DÍVIDA 2010 2016

2017

71,7

37,1

26,2

milhões de euros

milhões de euros

milhões de euros

O dia 15 de maio de 2017 marcou

do ambiente económico geral. Hoje, a

também o início de uma nova

dívida total situa-se num nível digno

vida para a nossa capital. A data

(26,2 milhões de euros) nada compa-

marcou a amortização total do em-

rável ao anteriormente registado (a

préstimo contraído no âmbito do

rondar os 72 milhões de euros) e bem

Plano de Reequilíbrio Financeiro e

abaixo da receita média anual (cerca

tornou Faro na primeira autarquia

de 37 milhões).

nacional a libertar-se do meca-

O futuro é hoje, portanto, uma con-

nismo - aprovado em novembro de

cretização muito mais sustentável.

2010 pela Assembleia Municipal

Prova disso foram as inúmeras obras

e homologado pelo Governo em

e intervenções que a autarquia pôde

maio de 2011 - que visava as au-

encetar um pouco por todo o con-

tarquias com índices de endivida-

celho e que transformarão breve-

mento excessivo.

mente e por completo a qualidade de

Hoje, a edilidade pode já entrar

vida da nossa capital.

no novo ano com mais autonomia,

Faro é hoje um concelho restituído

agilidade e otimismo. Esta saúde

dos seus valores e ambições e que

recuperada, deve-se também ao

aguarda por isso, entusiástica e res-

aumento das receitas, fruto de uma

ponsavelmente, um futuro que é seu

mais rigorosa e responsável gestão

por direito.


DESTAQUE

4

LANÇADO O CONCURSO PÚBLICO DE CONSTRUÇÃO DA

NOVA PONTE PARA A PRAIA

Com o lançamento do concurso público para construção da nova ponte, em novembro de 2017, ficámos mais perto de um final feliz para este dossier que se arrasta há anos. A ponte existente será posteriormente demolida e removida do local, pelo que a construção da nova infraestrutura terá um impacto mínimo na circulação. O custo estimado é de 2,8 milhões de euros e o prazo de execução de 18 meses. Posteriormente, a gestão e manutenção da infra estrutura estarão a cargo do Município.

Com 181 metros de comprimento e oito vãos, a nova travessia terá um tabuleiro com 11 metros de largura e permitirá o atravessamento de automóveis, cicláveis e autocarro.

CRONOLOGIA DA NOVA PONTE 2009

12 ABR. 2012

21 AGO. 2013

Apresentado o ante projeto para a nova ponte.

Aprovado o Relatório do Estudo de Impacte Ambiental do ante projeto.

Câmara compromete 30% do valor da ponte (900 mil euros), no momento da constituição do capital social da sociedade Polis – verba que só vem a pagar integralmente em 2014.

27 SET. 2016

9 NOV. 2017

Após longo impasse, relacionado Anúncio da abertura do concom a indefinição financeira do curso público para construção projeto, Câmara decide viabilizar da nova Ponte para a a construção, anunciando que irá Praia de Faro. injetar mais 20% do seu custo total – 561 mil euros.

FARFORMOSA – A APOSTA ESTRATÉGICA DE UM CONCELHO

O PROJETO FARFORMOSA EM NÚMEROS Centro de Investigação com capacidade para 300 investigadores Aquário com a área de 7000m2 Centro de congressos para 1200 pessoas Incubadora de empresas para 20 empresas Centro Náutico com 3050m2

A 2 de junho foi apresentado o projeto

Centro de Congressos, 3 unidades hoteleiras, residências

Farformosa, da autoria da Câmara de

assistidas, um centro de incubação de microempresas, na

Faro e Centro de Ciências do Mar do Al-

área da biologia marinha e um pólo de desenvolvimento

garve (CCMAR) da Universidade do Al-

da UAlg.

garve (UAlg), que contempla um Plano

Este projeto de intervenção resultou de um protocolo inicial

de Renovação Urbana e um Centro de

entre o Município de Faro e o CCMAR, que rapidamente

Investigação que permitirá a criação de

reuniu à sua volta outras entidades. Entretanto, já em 2018,

1500 postos de trabalho. Está prevista

o Governo decidiu acarinhar o nosso projeto e determinou

ainda a implantação de uma marina

a constituição de uma comissão para criar um plano de or-

com 400 amarrações, uma escola de vela

denamento para o Espaço afeto ao Porto Comercial de Faro

e um estaleiro para reparações navais.

e ao Cais Comercial. O despacho que formaliza a criação

Prevê-se igualmente a criação de um

deste grupo foi publicado em DR no dia 2 de janeiro de 2018.

Marina com 400 lugares Reparação naval com 3900m2 Hotéis - 3 Residências assistidas 63 moradias + 40 quartos Comércio e serviços com 23.380m Espaços comerciais e restauração com 11.500m2


5

FARO REQUALIFICA

2017 foi o ano em que mais se investiu na recuperação de rodovia e requalificação urbanística (2,3 milhões de euros). As novas entradas da cidade dignificam-nos, assim como o novo Largo das Mouras Velhas, que se encontrava completamente degradado há longas dezenas de anos. Só nestes três projetos, investiu-se um milhão. Mas a parcela maior (1,3 milhões) ficou mesmo para as freguesias e artérias da malha urbana e peri-urbana. O Faro Requalifica veio para ficar.

ENTRADAS DA CIDADE REQUALIFICAÇÃO DA AVENIDA GORDINHO MOREIRA ADJUDICATÁRIO: José de Sousa Barra &Filhos, Lda. Valor: 480.954,59€ + IVA

REQUALIFICAÇÃO DA ROTUNDA DO TEATRO MUNICIPAL Adjudicatário: José Quintino, Lda. Valor: 49.900,00€ + IVA

REPAVIMENTAÇÃO DA ESTRADA SRA. DA SAÚDE E RUA ANTÓNIO BELCHIOR JÚNIOR Adjudicatário: Manuel António & Jorge Almeida Construções, Lda. Valor: 70.257,26€ + IVA

REPAVIMENTAÇÃO DA AVENIDA CIDADE HAYWARD Adjudicatário: Manuel António & Jorge Almeida Construções, Lda. Valor: 178.466,86€ + IVA Obra em execução


FARO REQUALIFICA

CIDADE REQUALIFICAÇÃO DO LARGO DAS MOURAS VELHAS Adjudicatário: CPE Valor: 309.000,00€ + IVA

REPAVIMENTAÇÃO DE RUAS NO ALTO RODES Adjudicatário: Eduardo Pinto Viegas Construções, Lda. Valor: 38.548,00€ + IVA

MELHORAMENTO DO ESPAÇO EXTERIOR DO BAIRRO DOS CENTENÁRIOS Adjudicatário: Martins Gago & Filhos, Lda. Valor: 130.285,00€ + IVA Obra em execução

REQUALIFICAÇÃO DO SPAÇO A NASCENTE E NORTE DA PRACETA DR. ALEIXO DA CUNHA Adjudicatário: J. J. Brito – Sociedade de Construções, Lda. Valor: 117.670,39€ + IVA

EXECUÇÃO DE TROÇO NA RUA FÉRIA PAVÃO E REPAVIMENTAÇÃO DA RUA EMISSOR REGIONAL DO SUL Adjudicatário: Eduardo Pinto Viegas Construções, Lda. Valor: 52.751,95€ + IVA

6


7

FARO REQUALIFICA

MELHORAMENTO DE PERCURSOS PEDONAIS NA RUA REITOR TEIXEIRA GUEDES TROÇO NASCENTE Adjudicatário: J. J. Brito – Sociedade de Construções, Lda. Valor: 47.479,18€ + IVA Obra em execução

REPAVIMENTAÇÃO DO LARGO DO SOL POSTO, RUA BATISTA LOPES, RUA DO SOL, RUA DA CONCEIÇÃO, TRAVESSA DA CONCEIÇÃO E RUA LETHES Adjudicatário: Candeias e Silva, Lda. Valor: 37.969,25€ + IVA

MONTENEGRO

REPAVIMENTAÇÃO DA RUA POETA ANTÓNIO ALEIXO Adjudicatário: José de Sousa Barra & Filhos, Lda. Valor: 69.727,74€ + IVA

PAVIMENTAÇÃO PARCIAL DA RUA DR. ANTÓNIO MIGUEL GALVÃO Adjudicatário: Eduardo Pinto Viegas Construções, Lda. Valor: 21.301,70€ + IVA

REPAVIMENTAÇÃO DA RUA DO MOINHO Adjudicatário: Hidralgar, S.A. Valor: 68.020,65€ + IVA

REPAVIMENTAÇÃO DO LARGO CMDT. VALDEMAR SILVA, RUA TELMO SILVA E RUA ÁLVARO CAMPOS Adjudicatário: J. J. Brito, Sociedade de Construções, Lda. Valor: 58.895,90€ + IVA


FARO REQUALIFICA

CONCEIÇÃO E ESTOI REPAVIMENTAÇÃO DE ARRUAMENTOS EM ESTOI 2.ª FASE Adjudicatário: José de Sousa Barra & Filhos, Lda. Valor: 65.152,88€. + IVA

REPAVIMENTAÇÃO DA RUA DA AZENHA DE ESTOI Adjudicatário: Candeias e Silva, Lda. Valor: 56.828,00€ + IVA

REPAVIMENTAÇÃO DA URBANIZAÇÃO DA GALVANA Adjudicatário: Candeias e Silva, Lda. Valor: 64.450,80€ + IVA

ST.A BÁRBARA DE NEXE REPAVIMENTAÇÃO DA ESTRADA DOS GORJÕES – STA. BÁRBARA DE NEXE ATÉ AO CRUZAMENTO DA GOLDRA Adjudicatário: José de Sousa Barra & Filhos, Lda. Valor: 98.908,10€ + IVA

REPAVIMENTAÇÃO DA E.M. 520-4 E URBANIZAÇÃO DE MATA LOBOS Adjudicatário: Candeias & Silva, Lda. Valor: 179.677,90€ + IVA

REPAVIMENTAÇÃO DO CR 4194 ENTRE A FALFOSA E O PARQUE DAS CIDADES Adjudicatário: Construções J.J.R. & Filhos, Lda. Valor: 66.500,43€ + IVA

8


9

APOIO AO ASSOCIATIVISMO

UM CRESCIMENTO CONJUNTO 2017 foi testemunha de um investimento da autarquia superior a 1 milhão de euros no associativismo do concelho. Pretende-se assim continuar a suportar, de forma transparente e criteriosa, as atividades levadas a cabo pelas entidades locais em conformidade com o Regulamento de Apoio ao Associativismo do Município de Faro aprovado em 2016, e que lhes permite dar sequência ao seu programa de atividades, dinamizando, de forma integrada, o rumo da nossa capital.

ASSOCIATIVISMO SOCIAL Ass. Alg. Pais Amigos Crianças D. Mentais Ass Portadores de Trissomia 21 Ass Proteção à Rapariga e Família Ass. de Refor., Pens. Idosos Ass. Saúde Mental do Algarve Ass. Solid. S. V. Idoso Des. Ativ. Senior Ass. Solid. Socio Cultural Montenegro Ass. Cegos Amblíopes de Portugal Ass. em Prol da Terceira Idade Ass. N. Sr.ª dos Navegantes Ass. Oncológica do Algarve Ass. Pais em Rede Ass. Est. Diabetes M. Apoio ao Diabético Ass. para o Plan. Familiar Ass. Port. Paralisia Cerebral* Ass. Pro-Partilha Inserção do Algarve Casa Idoso Meio Rural de Faro II* Centro Ação Soc., Cult. Desp. Trab. Saúde Centro Apoio ao Sem Abrigo Cimfaro II - Casa Idoso Meio Rural Faro* Fund. Algarvia de Desen. Social Grupo Ajuda a Toxicodependentes Mov. Apoio Problemática da Sida Mov. Democrático de Mulheres Plataforma Saúde em Diálogo St.ª Casa Misericórdia de Faro* União Reg. Inst. Part. Solid. Social Algarve TOTAL

10.000,00 € 1.800,00 € 10.000,00 € 546,79 € 10.000,00 € 5.000,00 € 2.717,94 € 2.445,24 € 7.018,17 € 10.000,00 € 10.000,00 € 900,00 € 10.000,00 € 1.799,98 € 18.875,49 € 10.000,00 € 10.000,00 € 5.346,81 € 10.000,00 € 15.000,00 € 5.000,00 € 10.000,00 € 5.000,00 € 739,10 € 132,34 € 15.000,00 € 2.100,00 € 189.421,86 €

ASSOCIATIVISMO JUVENIL 21.400,00 € Ass. Académica da UAlg. 10.533,20 € Ass. de Designers do Sul 4.100,00 € Ass. Guias Portugal- 1.ª Comp. Guias de Faro Corpo Nac. Escuteiros - Agr. 1172 São Luís Faro 2.500,00 € 2.500,00 € Corpo Nac. Escuteiros-Agr. 98 Faro São Pedro 41.033,20 € TOTAL

ASSOCIATIVISMO CULTURAL ACTA - A Comp. de Teatro do Algarve ALFA - Ass. Livre de Fotógrafos do Algarve AMARELARTE - Ass. Cultural e Recreativa ARCA - Ass. Recr. Cultural do Algarve Arquente - Ass. Cultural Artadentro - Arte Contemporânea Ass. Cultural Música XXI Ass. Cult. Recr. Desp. Nexense Ass. Guitarra do Algarve Ass. Filarmónica de Faro Ass. Recr. Cultural dos Músicos Ass. Valoriz’arte BCC Beliaev Centro Cultural Casa de Angola no Algarve Casa Povo Conceição Faro Cineclube de Faro Clube Farense Clube Recr. Cultural Gorjonense Devir – Ass. Atividades Culturais EnLAMA - Ass. Cultural Faro 1540 - Ass. Defesa Patri. Amb. Cult. Faro Fundação Pedro Ruivo Ginásio Clube de Faro Grupo Coral Ossónoba Grupo Folclórico de Faro Palácio do Tenente - Ass. Cultural PAS - Peace and Art Society Soc. Recr. Artística Farense Soc. Recr. Bordeirense UATI - Uni. Algarve Terceira Idade Zenite Positivo - Associação TOTAL

30 000,00 € 4 000,00 € 6 000,00 € 4 000,00 € 8 500,00 € 4 000,00 € 10 000,00 € 5 000,00 € 7 000,00 € 5 000,00 € 6 000,00 € 6 000,00 € 17 800,00 € 4 000,00 € 5 000,00 € 10 500,00 € 7 166,10 € 5 000,00 € 2 400,00 € 6 000,00 € 4 000,00 € 6 000,00 € 7 825,36 € 10 500,00 € 10 500,00 € 5 000,00 € 1 200,00 € 5 000,00 € 20 584,00 € 1 000,00 € 13 000,00 € 237 475,46 €

* Entidades subsidiadas também ao abrigo de apoios pontuais

ASSOCIATIVISMO DESPORTIVO Acad. Instituto D. Francisco Gomes 2.000,00 € Adversários do Mar - Ass. Cult. Recr. 5.650,68 € Altimetria Ass. Desp. 13.939,60 € Ass. Clube BCF 4.986,56 € Ass. Comp. Capoeira Contemporânea 10.228,80 € Ass. Cult. Desp. Coobital 2.500,00 € Ass. Desp. Centro de Ténis 2.973,75 € Ass. Desp. S. Francisco 14.797,60 € Ass. Farense 1910 37.000,00 € Ass. Portuguesa de Kempo 12.217,80 € Ass. Urban Expression 2.868,50 € Ass. Desp. Geração de Génios 10.412,16 € Ass. Recr. Cultural Rio Seco 4.986,56 € AXAL Acad. Xadrez do Algarve 3.525,00 € Casa do Benfica de Faro 13.589,70 € Casa do Povo de Estoi 6.614,50 € Clube Amador de Pesca de Faro 18.101,80 € Clube de Danças da ES João de Deus 4.523,75 € Clube de Futebol “Os Bonjoanenses” 4.242,50 € Clube de Karaté Conceição de Faro 14.012,40 € Clube de Natação de Faro 7.300,00 € Clube de Petanca de Faro 2.345,00 € Clube de Rugby da Ualg 5.117,50 € Clube de Surf de Faro 5.420,00 € Clube Desp. do Montenegro 11.595,85 € Clube Desp. de Combate JF Conceição de Faro 14.839,84 € Clube Educ. e Desp. de Faro 1.963,00 € Clube Mealha Karaté Fit 1.500,00 € Clube União Culatrense 8.347,04 € Escola de Futebol de Faro 8.868,95 € Futebol Clube “Os 11 Esperanças” 8.876,56 € Futebol Clube S. Luís 20.087,93 € Gimnofaro Ginásio Clube 6.425,00 € Ginásio Clube Naval 17.375,44 € Grupo Desp. da Atalaia 1.810,00 € Grupo Desp. da Torre de Natal 2.475,00 € Ice Show Associação Freestyle 2.000,00 € Judo Clube do Algarve 20.986,55 € Jujutsu Clube de Faro 1.612,45 € Karaté Clube de Faro 5.712,31 € Moto Clube de Estoy 3.185,52 € Moto Clube de Faro 8.226,12 € Moto Malta de Faro 9.500,00 € Núcleo Sportinguista de Faro 13.092,00 € Real Amizade Farense 3.442,50 € São Pedro - Futsal Clube de Faro 5.578,25 € Sport Faro e Benfica 7.934,45 € Temívels da Atalaia 2.700,00 € União dos Amigos da Pesca 3.650,00 € WildPack Associação Desportiva 4.971,94 € TOTAL 414.364,08 €


CULTURA

10

EXPOSIÇÃO FARO, MARCOS DE URBANISMO Consciente da importância de dar a conhecer o urbanismo da cidade, como parte da sua identidade coletiva (social, cultural e económica), a Câmara Municipal apresentou, na exposição “Faro, marcos de urbanismo” de 7 de julho a 31 de dezembro de 2017, um repositório de momentos-chave, determinantes para o desenvolvimento urbanístico da cidade, desde o séc. XV até aos nossos dias. A exposição, que se apresentou ao público no Museu Municipal, comprometia um horizonte temporal balizado entre os séculos 15 e 20 e procurou identificar elementos que foram os verdadeiros momentos de transformação da cidade.

EXPOSIÇÃO JOSÉ PEDRO CROFT: DE UM LADO AO OUTRO A produtiva parceria entre Museu de Arte Contemporânea de Serralves e Câmara de Faro, trouxe também em 2017 ao público algarvio uma mostra de arte que juntou 15 trabalhos do conceituado artista José Pedro Croft. A exposição “De um lado ao outro”, do artista que representou posteriormente Portugal na Bienal de Veneza, juntou, entre 9 de Março e 28 de Maio, obras pertencentes ao espólio da Fundação de Serralves e foi, nada menos, que um sucesso.

O FORAL DE FARO DE 1504: APRESENTAÇÃO E EDIÇÃO No âmbito das comemorações do Dia Internacional dos Museus, teve lugar no dia 18 de maio o lançamento do livro “O Foral de Faro de 1504: apresentação e edição”, claro está, no Museu Municipal. Este é no fundo uma transcrição atualizada do Foral Manuelino de Faro datado de 1504.

ANTE-ESTREIA DO FILME mAlapata O primeiro trabalho de Diogo Morgado como realizador, “Malapata”, teve Faro como berço. Para além do privilégio da escolha, o elenco, que espalhou magia e talento pelas ruas da nossa capital, estava repleto de nomes bem conhecidos como Rui Unas, Marco Horácio e Manuel Marques, Luciana Abreu, Luís de Matos, entre outros. A antestreia da comédia aconteceu no dia 14 de Março num Teatro das Figuras cheio de pessoas, orgulho e muito riso à mistura.

EXPOSIÇÃO ENTRE MIL ÁGUAS: VIDA LITERÁRIA DE CASIMIRO DE BRITO Vários painéis e um filme, com o objetivo de aproximar a obra dos leitores, fizeram parte da exposição “Entre Mil Águas: vida literária de Casimiro de Brito” que esteve patente, de 6 a 30 de março, na Biblioteca António Ramos Rosa, em Faro. A exposição foi comissariada pela investigadora Patrícia Palma.


11

CULTURA

Sabia que:

A Coleção de azulejaria Ramalho Ortigão ganhou Prémio SOS Azulejo 2016?

XXXIX VOLUME DOS ANAIS DO MUNICÍPIO A nova edição dos Anais do Município de Faro foi mais uma vez apresentada no dia 15 de setembro do ano transacto na Biblioteca Municipal de Faro. No texto introdutório desta nova edição, Romero Magalhães refere que “os anais não são (nem querem ser) uma revista académica, mas não tem sido pouco estimada por docentes universitários, e não apenas da Universidade do Algarve, como também de outras universidades”. Desta vez, foi “a mistura de académicos e profissionais, de estreantes e reincidentes” que permitiu atingir a riqueza da publicação. Foram colaboradores nesta edição da Revista: João de Deus Gomes, Fernando Pessanha, Romero Magalhães, Marco Lopes, Francisco Rosa Correia e Eliana Goufa, Aziz Pedrosa, Patrícia Félix, Fernanda Zacarias, Luísa Martins, António Paulo Oliveira, José d’Encarnação, Isabel Cruz, Marco Sousa Santos, Marília Castro, João Leal e José Matos Guita.

Sabia que:

A autarquia prestou uma homenagem a Zeca Afonso, com a entrega da medalha da cidade a título póstumo?

EXPOSIÇÃO PINTURAS DO BARROCO EM SEVILHA E NO ALGARVE: CONTACTOS, COINCIDÊNCIAS E DISCORDÂNCIAS Não foi apenas uma exposição: foi “a” exposição. Depois de anos de muito trabalho, investimento e de uma boa dose de diplomacia, o Museu Municipal de Faro (MMF) inaugurou no dia 23 de setembro a mostra “Pinturas do Barroco em Sevilha e no Algarve – Contactos, Coincidências e Discordâncias”, que integrou peças de elevado valor (artístico, mas também económico) vindas do Museu de Belas Artes de Sevilha, uma referência internacional no que à arte deste período da história diz respeito.

EXPOSIÇÃO O REGRESSO DO OBJETO: ARTE DOS ANOS 1980 A exposição itinerante “O Regresso do Objeto: Arte dos Anos 1980”, do Museu de Serralves, foi inaugurada no Museu Municipal de Faro, no dia 7 de dezembro do ano passado e ali ficou até 19 de fevereiro. A exposição – mais uma que resulta da colaboração entre a autarquia e Serralves – apresenta uma seleção de esculturas e pinturas de 7 artistas portugueses e internacionais que sedimentaram os seus discursos artísticos nos anos 1980.

ESTOI FOI PRÉ-FINALISTA DAS 7 MARAVILHAS DE PORTUGAL O ano de 2017 encheu-nos de muito orgulho. Entre muitos outros motivos, e seguramente um dos maiores, foi a presença da aldeia de Estoi nas 49 pré-finalistas (entre as 322 aldeias de Portugal) na categoria de Aldeias-Monumento, iniciativa da “7 Maravilhas de Portugal”. Apesar de a vitória não ter regressado com a efusiva claque que acompanhou a delegação local no decorrer do concurso, o orgulho é inabalável. Por cá, ninguém nos contraria: Estoi será sempre a aldeia mais bonita de Portugal.

PRÉMIO RAMOS ROSA ENTREGUE A JOÃO BARRETO GUIMARÃES João Luís Barreto Guimarães foi o grande vencedor da edição de 2017 do Prémio Nacional de Poesia António Ramos Rosa, a 2 de setembro. Consequentemente, o escritor recebeu o prémio consagrado de 5 mil euros e juntou-se aos poetas já anteriormente premiados Fernando Echevarria, Fernando Guimarães, Nuno Júdice, João Rui de Sousa e Luís Quintais, figuras de relevo no panorama da poética nacional.


EVENTOS | ANIMAÇÃO

FESTIVAL F:

3 DIAS DE SUCESSO

Mais um ano, uma nova edição e um sucesso que não se cansa de se superar. Mais uma vez, desta feita na primeira edição do festival a 3 dias e perante um novo e mais alargado recinto, os maiores nomes da música portuguesa voltaram a brilhar sob os céus da nossa capital. Este ano, quis a vida que o último dia se despedisse com mais uma estrelinha nesse céu. Joaquim Guerreiro, um dos grandes pais do Festival, deixou-nos com a saudade de um homem grande e a certeza da sua herança. Mais de 34 mil pessoas souberam homenageá-lo com uma casa cheia e a garantia de que é em Faro que mora hoje o “Último grande Festival de Verão”.

FINAL FOUR DA TAÇA CTT A 10ª edição da Final Four da Taça CTT realizou-se no Estádio Algarve. Desta vez, o Moreirense fez história e conquistou o primeiro grande troféu do seu historial, ao bater por 1-0 o Braga na final. Menos fortuna tiveram Vitória de Setúbal e Benfica, que se quedaram pelas meias-finais.

12


13

EVENTOS | ANIMAÇÃO

Sabia que:

2017 assinalou a 3ª edição do Festival do Petisco que contou com mais vendedores e visitantes que nunca?

ALAMEDA BEER FEST: RECEITA DE SONHO Mais uma vez, a cerveja artesanal foi a rainha desta efeméride que já se consagrou no calendário algarvio e nacional no que a este tema diz respeito. Desta vez, mais de 220 cervejas, confortadas por um significativo reforço na vertente de street food, deram ânimo a 3 noites de muita música e festa no maravilhoso Jardim da Alameda: a receita de sonho para uma simbiose perfeita.

24.ª FESTA DA RIA FORMOSA Marisco e muita animação. Foi assim mais uma edição da Festa da Ria Formosa. Durante 11 dias, Faro consagrou-se também como a capital do marisco, reunindo no mesmo espaço vendedores, visitantes e artistas num dos eventos mais aguardados pelo público algarvio. Desta vez e como se tem vindo a tentar nos últimos anos, a nova “planta” do espaço atribuiu-lhe uma orgânica e arrumação muito mais fluída e ampla, permitindo tanto aos operadores como visitantes usufruir de condições muito mais apetecíveis.

Sabia que:

Foram 34 os restaurantes e pastelarias que aderiram à primeira edição da Rota do Petisco das Terras da Ria?


EVENTOS | ANIMAÇÃO

14

BAIXA STREET FEST

A receita, mais uma vez, provou-se um sucesso: animação de rua, lojas abertas e milhares de pessoas na Baixa de Faro. Foram estes os ingredientes que compuseram mais um Baixa Street Fest que na edição de 2017 voltou a sair à rua nas noites de sextas-feiras entre 30 de junho e 25 de agosto. Como de costume, um mar de gente inundou as zonas pedonais do centro histórico da nossa cidade, estimulando o comércio e dando uma nova vida às noites de verão do nosso concelho. Uma estratégia a manter e que com certeza conhecerá já este ano uma nova edição com o mesmo sucesso.

CARNAVAL DAS CRIANÇAS

24.ª EDIÇÃO DO FESTIVAL DE FOLCLORE INFANTIL

Mais de 5 mil crianças de todos os estabelecimentos de ensino do nosso

A iniciativa que, ano após ano, tem vindo a consolidar a tradição e os cos-

concelho coloriram as ruas da baixa durante o desfile de carnaval. O

tumes locais e a estimular o gosto pela dança, é um projeto que procura in-

evento foi motivo para um mar de familiares, amigos e curiosos encherem

cutir nos mais pequenos o apreço pelas nossas raízes. Este ano, mais uma vez,

a nossa cidade de animação. De árvores a palhacinhos, de super-heróis a

a Doca de Faro foi palco para uma noite de música, cultura e muita animação,

pequenos monstrinhos, esta foi com certeza uma das tardes mais bem-

através de um projeto que se desenvolve durante todo o ano letivo e que cul-

-dispostas do ano transacto.

minará também este ano, como em 2017, numa noite quente de junho.


15

EVENTOS | ANIMAÇÃO

AS MARCHAS NA BAIXA 2017 assinalou, entre muitas outras coisas, o regresso das tradições das marchas populares à cidade de Faro. Esse regresso, intencionalmente invocado pela autarquia, espera consolidar-se nos anos que se seguem, introduzindo um novo/velho capítulo no calendário cultural farense. Para além da Marcha da Bordeira que jogou em “casa”, contámos ainda com a presença das Marchas da Penha de França de Lisboa e da Marcha da Mexilhoeira Grande de Portimão.

FOLKFARO FESTIVAL DO MUNDO As danças e tradições do mundo voltaram a invadir as ruas do nosso concelho. O Folkfaro, sublime e dedicadamente organizado pelo Grupo Folclórico de Faro, trouxe-nos este ano países como Bulgária, Cazaquistão, Costa Rica, Itália, México, Polónia e representantes nacionais, para lá do grupo anfitrião nas suas versões adulta, infantil e cancioneiro. Hoje, este é garantidamente um dos maiores valores do calendário cultural farense, algarvio e nacional e uma das maiores referências do folclore internacional no mundo. E é nosso.

25 ANOS DA SIC CELEBRADOS EM FARO A SIC comemorou no ano transacto 25 anos de atividade e escolheu Faro como um dos locais para a sua digressão de celebração. Não fosse isso já motivo de orgulho suficiente, apresentou também nos claustros do museu da nossa capital a sua nova novela “Paixão” que conta com inúmeras cenas rodadas nas maravilhosas paisagens e ambientes farenses. Nada de estranho, tendo em conta o pequeno paraíso natural ao qual temos o privilégio de chamar casa.

36.ª CONCENTRAÇÃO INTERNACIONAL DE MOTOS Mais um ano, mais uma enchente: foi assim o maior e mais conceituado evento em terras farenses. Muita animação e o ritmo frenético do roncar dos motores fizeram mais uma vez de Faro a Capital do Motociclismo. Fosse sobre 2, 3 ou 4 rodas, muitos foram aqueles que não quiseram deixar de aproveitar estes dias de festa no Vale das Almas. O encerramento da concentração, na manhã de domingo, voltou a trazer a Faro o habitual desfile com a criatividade e com o carinho dos motards que nos visitam.

NATAL E FIM DE ANO EM FARO Se, por um lado, o Pai Natal já nos habitou às suas consecutivas chegadas a cada sábado da manhã anterior ao dia de natal, por outro, já no fim de ano começa a peregrinação à baixa na noite de 31. Para além dos artistas, Tiago Bettencourt, o mais sonante, o fogo-de-artifício, que parece dançar no nosso céu ao ritmo das músicas mais conhecidas, começa a ganhar uma reputação que nos enche de orgulho.


EVENTOS | DESPORTO

DESPORTO EM FARO: UMA DINÂMICA SEM FIM Faro assumiu um compromisso reforçado com o desporto nos últimos anos, apostando no apoio ao associativismo e na recuperação de espaços para a prática.

16

ASSOCIAÇÕES MAIS PRODUTIVAS E APOIADAS As associações que desempenham um papel fundamental na oferta desportiva beneficiaram de um apoio de 420 mil euros a que se juntaram as cedências de instalações e apoio a eventos na ordem dos 591 mil euros. Este apoio serviu um total de 7.553 atletas, que protagonizaram mais de 650 iniciativas durante o ano de 2017.

”FARO REQUALIFICA” TAMBÉM CHEGA AO DESPORTO Adjudicatário: Construções J.J.R. & Filhos, Lda. Valor: 66.500,43€ + IVA

REPARAÇÃO NO PASSEIO RIBEIRINHO

SUBSTITUIÇÃO DO CAMPO RELVADO DA HORTA DA AREIA

Adjudicatário: Mondo Portugal 93.132,92€

CONCURSO ABERTO CENTRO DE TREINO DO PARQUE DAS CIDADES Abriu no dia 5 de abril o concurso para adju-

sociação de Municípios Loulé / Faro – AMLF,

mas também chamar equipas em estágio de

dicação da construção do Centro de Treino

procurará não apenas disponibilizar aos mu-

outras zonas da Europa e do mundo, contri-

do Parque das Cidades. O investimento, a

nícipes dos dois concelhos uma maior e mais

buindo assim para a dissolução da sazona-

rondar 1,25 milhões de euros e a cargo da As-

adequada oferta para a prática desportiva,

lidade da região.

Sabia que:

Sabia que:

As atividades náuticas contaram com um acréscimo de 1600 novos utilizadores dos serviços do Centro Náutico da Praia de Faro?

O Faro Ativo, realizado em setembro e outubro com a colaboração de 54 entidades desportivas, contou com a participação de 7 mil praticantes e cerca de 12 mil visitantes?

Sabia que:

A Marcha Corrida da Ria Formosa, em abril, é a maior do género no Algarve, com a participação de 4500 pessoas?


17

EVENTOS | DESPORTO

Sabia que:

A Festa Nacional da Ginástica, em julho, trouxe a Faro 4 mil ginastas de todos os pontos do país?

I MEIA MARATONA NOTURNA H2O DE FARO: UM SUCESSO PARA REPETIR A 1ª Meia Maratona Noturna H 2O de Faro teve lugar no

mento ambiental e social definido e um percurso

dia 4 de maio, com partida da Praia de Faro e foi orga-

vestido das melhores cenografias farenses. Nesta

nizada pela FAGAR e Município de Faro, com o apoio

sua primeira edição, contou com a charmosa par-

técnico da Associação de Atletismo do Algarve. A prova

ticipação de um mito e agora madrinha da prova:

que se procurou - e continuará - incrementar no calen-

Rosa Mota.

dário desportivo regional de atletismo tem um enquadra-

4.ª FESTA NACIONAL DA GINÁSTICA 2017 foi um ano feliz para Faro. Prova disso foi a escolha

Ginástica do Algarve.

do nosso concelho para acolher o maior evento desportivo

Foram mais de 3.000 participantes de todas as

do país. Esta 4ª edição da Festa Nacional da Ginástica que

idades, acompanhados por famílias e treinadores e

decorreu entre os dias 30 de junho e 2 de julho foi orga-

que seguramente contribuíram para uma maior di-

nizada pela Federação de Ginástica de Portugal em par-

namização comercial e local durante os dias e noites

ceria com o Município de Faro, com o Clube Educativo e

do evento.

Desportivo de Faro e ainda com o apoio da Associação de

FARO ATIVO Mais uma vez o “Faro Ativo” marcou o início da época desportiva em Faro, recebendo desta vez entre os milhares de participantes, um convidado muito especial: o campeão olímpico Nelson Évora. O evento teve 4 palcos distintos. Doca de Faro, Complexo Desportivo da Penha, Centro Náutico da Praia de Faro e Parque de Lazer das Figuras. Entre todos, uma linguagem comum: incentivar à prática desportiva.

17.ª MARCHA CORRIDA E 2.º MINI-TRAIL DA RIA FORMOSA Mais uma vez a 17.ª Marcha Corrida e o 2.º Trail da Ria Formosa

escola de vela na ilha da culatra A Câmara de Faro, o Ginásio Clube Naval e a Associação de Moradores da Ilha da Culatra (AMIC) assinaram no dia 25 de outubro um protocolo para a criação de uma escola de iniciação à vela na Ilha da Culatra. Uma excelente notícia tanto para moradores como para praticantes, que poderão brevemente contar com mais um equipamento num ponto de beleza natural.

foram um sucesso registando mais de 4 mil participantes. As provas, que decorreram entre o ludo e o Vale das Almas, associaram o desporto à música e animação.


AÇÃO SOCIAL

18

PROGRAMA VER BEM PARA APRENDER MELHOR Foi assinado em maio o protocolo “Ver Bem para Aprender Melhor”, uma colaboração entre a Câmara Municipal de Faro e o Rotary Club de Faro. A ideia é apoiar os alunos do concelho, em situação de carência económica, desde o pré-escolar até ao 2º ciclo do ensino básico, identificados como portadores de problemas de visão, através de apoio financeiro à aquisição de óculos e/ou à frequência de consultas de oftalmologia. O protocolo é válido até 30 de junho de 2018 e é renovável para o ano rotário seguinte.

CÂMARA OFERECE REFEIÇÕES A ALUNOS NAS INTERRUPÇÕES ESCOLARES A autarquia, considerando a situação das famílias carenciadas no concelho, garantiu, nas interrupções letivas de 2017, refeições para todos os alunos carenciados afetos às escolas de 1º Ciclo, através de um Programa de Apoio Alimentar que abrangeu 87 alunos (escalões A e B) em 8 refeitórios escolares.

FARO INICIA RECUPERAÇÃO DO PARQUE HABITACIONAL MUNICIPAL SOCIAL Foi a 17 de outubro de 2017 que se deu início à empreitada de recuperação das fachadas dos blocos B1, B2, B3 e B4 dos 96 fogos do Parque Habitacional Municipal na Rua Monsenhor Henrique Ferreira da Silva, no valor de 93.132,96 € mais IVA. Esta empreitada foi a primeira de muitas que pretendem levar a cabo um conjunto de intervenções no sentido de recuperar estes e outros edifícios municipais.

DIA DO IDOSO EM PASSEIO PELA RIA FORMOSA A Câmara de Faro promoveu, nos dias 25 e 26 de outubro, um passeio de barco na Ria Formosa para os idosos do concelho. Esta iniciativa assinalou o Dia Internacional do Idoso, comemorado a 01 de outubro. Compareceram 200 idosos, utentes de associações pertencentes à rede social do concelho e outros residentes no concelho.

O Conselho Local de Ação Social de Faro promoveu durante o ano de 2017 mais quatro feiras

MERCADINHOS SOCIAIS

sociais temáticas com vista à promoção e divulgação das respostas, recursos sociais e ofertas de voluntariado promovidas pelas entidades locais. Este ano os temas foram família e comunidade, infância e juventude, saúde e inclusão social ativa e envelhecimento ativo.

Sabia que:

Apesar de o clima de crise financeira parecer estar afastado, os valores do arrendamento mantêm-se inalterados, para alívio das famílias beneficiárias do concelho?


19

EDUCAÇÃO Depois do investimento de mais de 2,3 milhões de euros em 2016, que incluiu a contratação de 45 assistentes operacionais e 7 animadores de apoio à ação educativa, em 2017 a atividade de ensino encontra-se normalizada e a respirar saúde.

As instalações têm sido agora a preocupação fundamental, com a recuperação dos edifícios mais antigos e o apetrechamento de todas elas com os melhores meios informáticos e pedagógicos disponíveis.

educação: o investimento mais seguro

Isto sem descurar a função social que, como é conhecido, procura chegar a todos os alunos que dela necessitam.

”FARO REQUALIFICA” NA EDUCAÇÃO SUBSTITUIÇÃO DE CAIXILHARIAS NA ESCOLA EB1 DA PENHA

REPARAÇÃO DE VEDAÇÕES NA EB1 DO ANCÃO

Adjudicatário: Rodrigues & Almeida, Lda. Valor: 48.326,04€ + IVA Obra em execução

Adjudicatário: Mérito Airoso, Lda. 13.339,00€ + IVA

200 COMPUTADORES NOVOS INSTALADOS NAS ESCOLAS

MANUTENÇÃO DE QUADROS INTERATIVOS

Foram instalados nas escolas do ensino básico 200 novos computadores,

Este contrato, com a duração de um ano, permite a manutenção e assistência de

num investimento de 112.800 euros, acrescido de IVA, que permitiram

115 equipamentos existentes nas escolas do concelho. O investimento é de 58.500

suprir as necessidades identificadas pelos agrupamentos escolares.

euros, acrescido de IVA.

outros investimentos

VALOR INVESTIDO

Transportes escolares

519.651,55€

Refeições escolares

599.431,85€

Transferência de competências para os agrupamentos

372.950,28€

Livros e material didático (Ação Social Escolar)

80.570,00€

Bolsas de estudo

35.680,00€

Aquisição de equipamentos de cozinha para refeitórios

41.471,79€

Aquisição de mobiliário para as EB1 e Pré-Escolar

31.697,89€

TOTAL

Sabia que:

O Município atribuiu bolsas de estudo a estudantes do ensino secundário e

Sabia que:

No ano 2017 contabilizaram-se 1501 alunos com apoio social, 801 dos quais do

superior no valor de € 35.680,00?

Escalão A e 700 do Escalão B?

1.681.453,36€


AMBIFARO | MERCADO MUNICIPAL

DADOS MAIS RELEVANTES DA ATIVIDADE

20

ambifaro: no mercado a promover todo o concelho

Instalação de sistema de climatização e ar condicionado

Sediada em Faro, é para o concelho que se trabalha. Para além de gerir o

Aumento significativo dos utentes do parque de estacionamento

Mercado Municipal, a Ambifaro dedica-se à organização de vários eventos

Reparação do pavimento no piso 0, na zona do pescado

ao longo do ano para promover a região. Seja de forma individual ou em

Acompanhamento na área da Engenharia Alimentar junto dos operadores

parceria com algumas associações do concelho e com a própria Câmara

Aquisição e Instalação de papeleiras e cinzeiros em todo o edifício

Municipal, destacam-se realizações como o Festival F, o Alameda Beer

Substituição do pavimento do piso -2

Fest, a Feira de Santa Iria, a Feira do Queijo e do Vinho, a Farnáutica, o

Iluminação de Natal

Faro Blues, entre outros.

Feira e Animação de Natal

I FEIRA DO CHOCOLATE: UM SUCESSO“ESTRONDOCE” É provavelmente a nova coqueluche dos eventos organizados pela Ambifaro e a futura grande estrela das suas operações. A receita naturalmente também convida. Frio, Natal a aproximar-se e muito, mas mesmo muito chocolate. Foram mais de 20 os expositores que entre os dias 16 e 19 de novembro nos deliciaram com as mais diversas formas e sabores de chocolate. Paralelas à feira, surgiram também inúmeras atividades próximas no tema mas diferentes na concretização: workshops, story tellings, show cookings, etc. Foi um sucesso estrondoso, ou melhor, “estrondoce”, e que esperamos ver repetido durante muitos anos.

Sabia que:

ESTRELAS DA TV EM DESFILE DE MODA SOLIDÁRIO No dia 11 de agosto realizou-se mais uma edição do Desfile de Moda Solidário do Mercado Municipal de Faro. Desta vez, todas as receitas e contributos do desfile reverteram a favor dos Bombeiros Voluntários de Faro. A razão? Segundo as entidades organizadoras, Ambifaro e a ACRAL, depois de todas as tragédias de que fomos testemunhas, este era o nosso momento de apoiar. O desfile, que contou com a maravilhosa apresentação de Carolina Patrocínio e do nosso querido João Ricardo foi, mais uma vez, um tremendo sucesso.

Em média, o Mercado tem cerca de 4500 visitantes por dia?

EM DIA DE ANIVERSÁRIO MERCADO RECEBE SISTEMA DE CLIMATIZAÇÃO No dia em que comemorava o seu 10º aniversário a 8 de fevereiro de 2017, chegou a garantia dada pelo presidente da Câmara, Rogério Bacalhau: O Mercado vai mesmo ter o tão desejado sistema de climatização e ar condicionado. Hoje, essa é já uma realidade possível de se testemunhar e usufruir todos os dias, com melhorias evidentes para operadores e serviço.


21

TURISMO E ECONOMIA

FARO REGULA

HORÁRIO DE FUNCIONAMENTO

DOS ESTABELECIMENTOS COMERCIAIS

Assembleia Municipal aprovou, a 6 de março de 2017, regulamento que vem pôr cobro à liberalização total dos horários, decretada pelo Governo em 2015. A medida foi aprovada no órgão deliberativo, após uma primeira rejeição na sessão de 29 de junho de 2016.

HORÁRIOS APROVADOS: Grupo 1: Comércio e venda ao público em geral - 6h00/24h00 Grupo 2: Estabelecimentos de restauração e bebidas (cafés, restaurantes e snack-bares) - 6h00/2h00 Grupo 3: Estabelecimentos de restauração e bebidas, com espaço de dança, não inferiores a 100m2 (bares, dancings e salas de espetáculos) - 10h00/4h00 Grupo 4: Discotecas, boîtes, recintos fixos de espetáculo e de divertimentos públicos não artísticos - 10h00/6h00 Grupo 5: Hospitais, farmácias, clínicas com internamento, empreendimentos turísticos e alojamento local, lares, agências funerárias, parques de estacionamento, postos de combustível, estabelecimentos localizados em terminais de transportes, lojas de conveniência, padarias com fabrico próprio – funcionamento permanente. O regulamento pode ser consultado na íntegra em www.cm-faro.pt.

FARO É A MELHOR CIDADE DO ALGARVE PARA VIVER E INVESTIR O ranking anual da Bloom Consulting clas-

Somando os três indicadores, Faro, a nível nacional,

sificou os municípios portugueses de acordo

ocupa o 9º lugar entre os 308 municípios. A capital al-

com a sua performance nas vertentes de In-

garvia subiu 4 posições em relação a 2016 e regressou

vestimento (Negócios), Turismo (Visitar)

ao top 10 nacional, algo que não acontecia desde 2014.

e Talento (Viver) e também a sua digital

No top 25 surgem mais dois concelhos algarvios: Albu-

demand e desempenho online.

feira, no 17º lugar, e Portimão, no 19º posto.

AMBIFARO PROMOVE II ENCONTRO EMPRESARIAL DE FARO A AmbiFaro organizou, no dia 5 de abril, no

keting Empresarial”. Estiveram presentes mais de uma

Campus da Penha da Universidade do Al-

centena de participantes que tiveram a oportunidade de

garve, o 2º Encontro Empresarial de Faro,

conhecer e aprender algumas práticas partilhadas pelos

subordinado ao tema “Diferenciação e Mar-

oradores presentes.

FARO JÁ TEM UM SELO DE EXCELÊNCIA NA RESTAURAÇÃO A Câmara Municipal e a AIHSA lançaram este

mentar, atendimento e serviço, recursos humanos e for-

programa para trazer mais credibilidade aos

mação, atendimento e serviço, sustentabilidade, gas-

estabelecimentos de restauração, identifi-

tronomia e infraestruturas e instalações. O programa

cando e distinguindo os restaurantes pela sua

conta com a colaboração da UAlg e da Escola de Hote-

excelência em diversos itens: segurança ali-

laria e Turismo.

CAPACIDADE DE ALOJAMENTO SOBE EXPONENCIALMENTE A Câmara Municipal e a AIHSA lançaram

TOTAL ALOJAMENTOS 2016

este programa para trazer mais credibi-

Empreendimentos Turísticos

lidade aos estabelecimentos de restauração, identificando e distinguindo os restaurantes pela sua excelência em diversos itens: segurança alimentar, atendimento e serviço, recursos humanos e formação, atendimento e serviço, sustentabilidade, gastronomia e infraestruturas e instalações. O programa conta com a colaboração da UAlg e da Escola de Hotelaria e Turismo.

Alojamento TOTAL Local

TOTAL ALOJAMENTOS 2017 Empreendimentos Turísticos

Alojamento TOTAL Local

17

195

212

19

291

310

822

655

1477

836

945

1781

N.º DE CAMAS

1391

1088

2479

1459

1622

3081

CAPACIDADE (pessoas)

1593

1515

3108

1618

2185

3803

N.º DE EMPREENDIMENTOS N.º DE QUARTOS


PROTEÇÃO CIVIL E SANIDADE ANIMAL

22

MOVIMENTO ANIMAL CONSOLIDA-SE NO CONCELHO O designado “movimento animal”, composto pelas associações e coletividades informais que, com a autarquia, lutam pela saúde, bem-estar e respeito pelos animais, teve em 2017 um ano cheio de realizações. Tanto a Animais de Rua como a PRAVI prosseguiram um conjunto de ações de esterilização e vacinação de animais, que permitiu

CÂMARA REFORÇA APOIO AOS BOMBEIROS VOLUNTÁRIOS

normalizar o crescimento das populações errantes e, igualmente, das colónias de gatos, como a de Almares e a da Praia de Faro – esta última constitui mesmo um exemplo de boas práticas, a ser replicado em todo o país. Os resultados são, assim, excelentes e a aposta é para continuar.

A 28 de agosto, a Câmara aprovou a comparticipação de 32.700€ à Associação Humanitária dos Bombeiros de Faro “Cruz Lusa” (Bombeiros Voluntários), para a aquisição de um veículo operacional de proteção e socorro – Veículo Tanque Tático Florestal. A comparticipação da autarquia corresponde a 20% do valor aprovado na candidatura ao POSEUR.

DESFIBRILHADOR AUTOMÁTICO PARA OS SAPADORES DE FARO Desde o dia 1 de março, o Corpo de Bombeiros Sapadores dispõe de um desfibrilhador automático operacional no veículo de combate a incêndios urbanos. O investimento total foi de 5 mil euros.

SAPADORES RECEBEM NOVOS CAPACETES

ESTÁ DECIDIDO: CÂMARA AVANÇA COM UM “CANIL” MUNICIPAL O Centro de Recolha Oficial (CRO) Municipal de Faro, deu o primeiro passo da sua vida em 2017, quando a Câmara decidiu abandonar as negociações no seio da AMAL que preferia a criação de um CRO intermunicipal em Alcoutim. Ao inscrever verba em orçamento para 2018, o Presidente da Câmara quis deixar um sinal Autarquia investe 17.000€ na aquisição de novos capacetes para

muito claro: o CRO Municipal é mesmo para avançar. O investi-

os Bombeiros Sapadores de Faro.

mento rondará os 500 mil euros.


23

AMBIENTE | FAGAR

ÁGUA DE FARO CERTIFICADA COM SELO DE EXCELÊNCIA

FAGAR REABILITA CONDUTAS COM MAIS DE 50 ANOS

Pela primeira vez, a FAGAR, EM. recebeu o Selo

A FAGAR continuou em 2017 com o seu Plano de In-

de Qualidade Exemplar da água para consumo

tervenção e Requalificação de Condutas (PIRC). A rede

humano. A entrega da distinção decorreu no dia 8

está sem investimento sério há mais de 40 anos, o que

de novembro, em cerimónia realizada em Lisboa.

justifica os episódios de rutura que ainda vão aconte-

A nossa água cumpre exemplarmente os mais exi-

cendo. As intervenções fizeram-se sentir no Alto Rodes

gentes requisitos de qualidade e segurança.

e Centro da Cidade. Estão investidos 300 mil euros.

CONTENTORIZAÇÃO SUBTERRÂNEA PROSSEGUE EM 2017

NOVAS TECNOLOGIAS POUPAM AO MUNICÍPIO 150 MIL EUROS

Uma iniciativa concertada entre Câmara e Fagar, a contentorização

A FAGAR implementou um sistema de gestão automatizada para con-

subterrânea do concelho prosseguiu ao longo de 2017. O valor global

trolo e gestão dos depósitos de água e das condutas da cidade. Com esta

deste programa, cofinanciado pela UE, cifra-se em cerca de 1,8 milhões

novidade, já conseguimos baixar as perdas de águas de 21 para 18% e,

de euros. Estão retirados cerca de 1000 contentores de superfície.

com isso, poupar anualmente 150 mil euros de água desperdiçada.

PMT: NOVOS CONCEITOS DE MOBILIDADE E DE PROXIMIDADE COM O MAR

700 ÁRVORES EM DOIS ANOS

em execução há cerca de três

Aos poucos, Faro está mais verde. Após o investimento, em

anos, a autarquia pretende levar

2016, em cerca de 400 árvores novas plantadas um pouco

à prática um modelo de mobi-

por todo o concelho, em 2017 plantámos mais 300.

lidade mais sustentável e compatível com o desenvolvimento económico. O objetivo é priviO Plano de Mobilidade e Transportes (PMT) foi apre-

legiar os modos suaves e tentar

sentado ao público em junho de 2017. Falta pouco para

reduzir o “efeito barreira” entre

a sua implementação. Com esta ferramenta de gestão,

Faro e a Ria Formosa.

DOCA RECEBE MELHORAMENTOS

FARO PROSSEGUE RECUPERAÇÃO DE ESPAÇOS VERDES

A degradação da velha Doca de Faro exigiu à autarquia a tomada de medidas

Em março de 2017, recomeçaram

fortes junto do Governo e da Docapesca,

os trabalhos de manutenção e

a quem cabe gerir esta infraestrutura.

conservação dos espaços pú-

Tratava-se de uma situação indigna que

blicos ajardinados na cidade, le-

começou a inverter-se em dezembro,

vados a cabo por duas empresas

com o início da obra de reabilitação da

contratadas. No total, o Muni-

muralha da Doca – obra que que custou

cípio investiu 196.173,22€.

à Docapesca 93 mil euros e que deverá estar concluída em fevereiro de 2018.


CIDADANIA

24

TOMADA DE POSSE DOS ÓRGÃOS ELEITOS Decorreu no passado dia 11 de outubro de 2017, no Teatro das Figuras, a instalação e tomada de posse dos novos órgãos autárquicos eleitos a 01 de outubro. A cerimónia começou com a tomada de posse dos membros eleitos para a Assembleia Municipal, assim como o primeiro eleito de cada junta de freguesia. No seguimento da tomada de posse dos 31 elementos que compõem a Assembleia Municipal foi dada posse ao novo executivo camarário presidido por Rogério Bacalhau, e que conta com os vereadores: Paulo Santos (Vice-presidente), Sophie Matias, Adriano Guerra e Carlos Baía (Coligação “Faro No Rumo Certo”) e António Eusébio, Dália Paulo, Miguel Sengo Costa e Carlos Gordinho (Partido Socialista). Nesta cerimónia foi também eleita a nova Mesa da Assembleia Municipal que é agora presidida por Luís Graça (PS), tendo Ilda Silva (PS) como 1.ª Secretária e João Lopes (PS) como 2.º Secretário.

RESULTADOS ELEITORAIS AUTÁRQUICOS 1/10/2017 Inscritos

Votos

Brancos Nulos

BE

Membros da

PAN

FARO PCP/PEV NO RUMO CERTO

PS

CAND. AMOR

Câmara Municipal

56524

26736

907

820

620

10179

1974

11746

490

Assembleia Municipal

56524

26737

1091

1405

1235

10067

2493

10446

-

St.ª Bárbara de Nexe

3065

1562

91

-

-

344

837

290

-

Montenegro

6922

3604

166

186

-

1241

291

1720

-

União freg. Conceição Estoi

6720

3232

184

-

-

1888

278

882

-

39817

18336

694

908

799

7167

1565

7203

-

União freg. Faro Sé - S. Pedro

dia do município

ASSEMBLEIA MUNICIPAL

Cerimónia de entrega do jardim sul do Palácio de Estoi ao

Assembleia Municipal,

por ordem de eleição: Cristóvão Duarte Nunes Guerreiro Norte (PSD) José Apolinário Nunes Portada (PS) Francisco Manuel Mateus D. Conde Soares (PSD) Luís Miguel da Graça Nunes (PS) - Presidente Teresa Alexandra Viegas Correia (PSD) Ilda Maria Lita Pereira da Silva (PS) - 1.ª Secretária Pedro Gonçalo Custódio Valente (CDS-PP) Carlos Alberto (PS) Manuel Francisco Botelho Agulhas (CDU) Rita Maria de Carvalho S. Garcia e Costa (PSD) Tatiana Henriques Homem de Gouveia (PS) João Manuel Camacho Gameiro Alves (PSD) Ana Lúcia Silva de Passos (PS) José Vítor da Silva (PSD) Fernando Manuel Correia Marques (PS) Augusto Arnaldo Nunes Otero Taveira (BE) Dora Sofia de Oliveira Ferreira de Melo (CDS-PP) Susana Cristina da Silva Joaquim (PS) Catarina Alexandra Matos Marques (CDU) Paulo Sérgio de Jesus Baptista (PAN) Nuno Filipe de São José Esteves (PSD) João Manuel Bento Mota Lopes (PS) - 2.º Secretário Cátia Susana da Palma Morais Gomes (PSD) Carlos Manuel Vargas Santos (PS) Manuel Eurico dos Santos Mestre (MPT) Maria Manuela Palmeira Neto (PS) Vítor Manuel Pinto Ortega Reis Cantinho (PPM) Bruno Gonçalo de Azevedo Lage (PSD)

Município de Faro no dia em que se comemorava o Dia do

A Assembleia Municipal de Faro

Município. No mesmo dia, foram homenageados Diogo Pi-

é constituída por 31 membros

çarra, António Branco, João Maria Larguito Claro, José Sousa

dos quais 27 foram eleitos dire-

Uva, António Justo e Joaquim Arenga, tendo sido ainda des-

tamente e os 4 presidentes das

José António Viegas Leal Jerónimo (PS)

cerrada a placa toponímica “Rua Álvaro Paço”, em home-

juntas de freguesia do concelho.

Sérgio Vicente dos Santos Martins (CDU)

nagem ao empresário agrícola e benemérito da Conceição de Faro, Álvaro dos Santos Calçada Paço.

Presidente da União de Freguesias de Faro (Sé - São Pedro)

Steven Sousa Piedade (PSD)

Presidente da Junta de Freguesia de Montenegro

Presidente da União de Freguesias de Conceição de Faro/Estoi Presidente da Junta de Freguesia de St.ª Bárbara de Nexe


25

TEATRO DAS FIGURAS

TEATRO DAS FIGURAS COM NOVO DIRETOR

jOAQUIM GUERREIRO: UM DINAMIZADOR DE CIDADES O ano de 2017 ficou marcado pela partida de Joaquim

2017 foi também um ano de mudanças na Direção do

Guerreiro, que ironicamente partiu no último dia do

Teatro das Figuras. Hoje, é assumida por Gil Silva, cola-

Festival F, evento que surgiu da sua determinação

borador do Teatro das Figuras desde a sua abertura em

e visão como homem de cultura que enriqueceu o

2005 e que desde 2013 era responsável pelas áreas da

nosso Município e todo o Algarve com a sua ação.

Programação e Produção deste equipamento cultural.

Homem de grande valor humano e profissional,

Gil Silva nasceu em Vila Real em 1974 e reside desde

Joaquim Guerreiro foi o principal impulsionador

2003 em Faro. Licenciou-se em Economia pela Univer-

e dinamizador de eventos como o Festival F ou o

sidade de Trás-os-Montes e Alto Douro, frequentou

Alameda Beer Fest, assim como da nova dinâmica e

o mestrado de Práticas Culturais para Municípios

programação do Teatro das Figuras que sobre a sua

na Universidade Nova de Lisboa e possui o Curso de

direção assumiu o estatuto de principal referência

Gestão e Produção de Artes do Espetáculo tirado no

cultural a sul do país.

Forum Dança.

Joaquim Guerreiro era Diretor Delegado do Teatro

A trabalhar profissionalmente no Teatro Municipal de

das Figuras desde Maio de 2014, tendo sido vereador

Faro desde a sua fundação em 2005, já havia desempe-

na Câmara Municipal de Loulé, com os pelouros da

nhado diversos cargos no mesmo: frente de casa, pro-

Cultura, Eventos e Turismo, entre 2009 e 2013.

dutor, programador e diretor interino.

Espetáculos Nacionais Diogo Piçarra (1º concerto da tour DO=S) 1ª edição do Festival 24 Horas Figuras (Festival outdoor e indoor de Artes Contemporâneas) Salvador Sobral The Gift Gisela João António Zambujo Rodrigo Leão António e Cleópatra de Tiago Rodrigues Estreia Nacional do Lago dos Cisnes pelo Quorum Ballet e Orquestra Clássica do Sul Commedia a la Carte Filho da Treta com José Pedro Gomes e António Machado Mais Respeito que sou Tua Mãe! com Joaquim Monchique

Espetáculos internacionais Elza Soares Jay-Jay Johanson Scott Matthew Murcof & Vanessa Wagner Wim Mertens “O Barbeiro de Sevilha” pela Ópera 2001

BALANÇO DE 2017

Porta dos Fundos

O ano de 2017 foi um ano de enormes sucessos,

semana tivemos 2,5 espetáculos, o que diz bem do

suportado pelas companhias e produtoras que

apesar de todas as contrariedades. Este foi o ano

dinamismo e vivacidade deste espaço.

acolhemos, sendo que 56% dos espetáculos

em que batemos o nosso recorde de espetadores,

Das 146 sessões mais de um quarto são espetá-

programados foram apresentados na moda-

com um total de 48.419. Desde já deixamos uma

culos musicais com 27% do total da programação.

lidade de “partilha de bilheteira”, 22% em

palavra de apreço a todos os espetadores que nos

O serviço educativo surge a par da música com os

“compra de espetáculos”, quase a mesma per-

visitaram no ano passado e um agradecimento

mesmos 27%, o que diz bem da aposta que tem sido

centagem para o “aluguer dos nossos espaços”

para a equipa do Teatro das Figuras que afinca-

feita neste serviço. Seguem-se a dança com 14%, o

com 7% e a “cedência de sala” com 6%. Regis-

damente possibilitou que estes espetáculos fossem

teatro e o cinema com 12% e por último a categoria

támos ainda uma percentagem de 9% na ca-

uma realidade.

de outros espetáculos, onde incluímos espetáculos

tegoria “outros” onde incluímos espetáculos

Tivemos ao longo do ano 117 espetáculos, apre-

multidisciplinares, com cerca de 8%.

em que pagamos uma parte do cachê e parti-

sentados em 146 sessões, ou seja, em média por

Continuamos a apostar em espetáculos cujo risco é

lhamos bilheteira.


rELAÇÕES INTERNACIONAIS

26

Faro é, cada vez mais, uma cidade do mundo e um ponto de encontro entre as mais variadas comunidades. Mas a visibilidade de Faro não caiu do céu. É o resultado de muito trabalho e dos esforços de divulgação do nosso concelho um pouco por todo esse mundo fora.

EMPRESÁRIOS LUSO-FRANCESES DISTINGUEM ROGÉRIO BACALHAU Foi no dia 26 de maio, na Riviera Francesa,

capaz de aproximar como nunca as duas co-

que o Presidente da Câmara de Faro re-

munidades. Foram também distinguidas,

cebeu uma importante distinção por parte

entre outras, personalidades como o jogador

da Confederação de Comércio e Indústria

Éder, o músico Tony Carreira, o empresário

Franco Portuguesa. Nada menos que o

Paulo Pereira e o diplomata português Pedro

Prémio Performance, pelo alto relevo das

Marinho da Costa, até há bem pouco tempo

funções desempenhadas enquanto autarca,

cônsul-geral de Portugal em Marselha.

PRIMEIRA VISITA A FARO DA EMBAIXADORA DE MOÇAMBIQUE

EMBAIXADORA DE CUBA FAZ DESPEDIDAS EM FARO

Faro recebeu em 6 e abril a primeira visita

Encerrando a sua missão

oficial ao Algarve da Embaixadora de Moçam-

diplomática em Portugal,

bique em Portugal, Fernanda Lichale, que se

Johana Tablada de La Torre,

fez acompanhar pelo cônsul-geral, Geraldo

Embaixadora de Cuba, rea-

Saranga. O encontro serviu para auscultar a

lizou uma visita oficial de

comunidade moçambicana no concelho e ao

despedida a Faro. Deixa

mesmo tempo aprofundar o relacionamento

saudade e leva a certeza de

existente entre as forças vivas do concelho e

que voltará muitas vezes à

as diferentes comunidades moçambicanas.

nossa cidade.

OBITUÁRIO 1 de fevereiro de 2017 – José Santos Pereira , médico, 80 anos. Foi fundador da Associação Oncológica do Algarve, instituição com vasta obra em prol dos algarvios, de que era Presidente. Recebeu Medalha de Mérito, Grau Ouro, em 2012.

13 de novembro de 2017 – Joaquim de Faro.

Cabrita Neto, marcante Governador Civil do Distrito de Faro (1985-1995). Em 2008 foi condecorado com a Medalha da Cidade

2 de setembro – Joaquim Guerreiro, 50 anos. Diretor do Teatro das Figuras, Diretor e criador do Festival F, que decorria no momento do seu falecimento. Foi Vereador na Câmara de Loulé, onde criou o Festival Med.

20 de agosto – Osvaldo Bagarrão, 94 anos. Engenheiro de profissão, desempenhou diversos e elevados cargos em diferentes áreas que vão do desporto, às infraestruturas, passando pelo ensino, pela energia e saneamento básico, pelo regionalismo e pelo associativismo.

16 de setembro – Horácio Cavaco, 68 anos. Foi presidente da comissão executiva da Comissão Regional de Turismo do Algarve durante 11 anos. Antes, foi também Diretor da Escola de Hotelaria e Turismo do Algarve.

20 de setembro – José Manuel Garcia Dias . Integrou a Comissão Executiva da RTA durante quatro anos, entre 2003 e 2007. Desempenhou funções públicas, em diversas circunstâncias, com destaque para as áreas da Proteção Civil e do Turismo.

20 de setembro – João Maria lha de Mérito, Grau Ouro, em 2017.

4 de outubro – Mahamudo

Larguito Claro, dermatologista,70 anos, diretor do Serviço de Dermatologia do Centro Hospitalar do Algarve. Foi Meda-

Amurane , presidente do Conselho Municipal de Nampula, cidade “irmã” de Faro.


27

transparência

Propostas|CM 1 Requalificação da Avenida Dr. Gordinho Moreira. Adjudicada a Cordivias – Engenharia, Lda, pelo montante de €480.954,59 + IVA – Aprovado por Unanimidade 67 Prestação de Serviços: Manutenção e conservação de espaços públicos ajardinados na cidade de Faro. Adjudicado a Vadeca – Facilty, S.A. Lote 1 referente a 58.391,04 m2 pelo montante de €61.260,00 + IVA; Adjudicado a Vadeca – Facilty, S.A. Lote 2 referente 69.408,30m2 pelo montante de €61.800,00 + IVA; Adjudicado a Idurbe – Gestão de Resíduos, S. A. Lote 3 referente a 93.897,42m2 pelo - montante de €72.113,2.2 – Aprovado por Unanimidade 42 Projeto para a criação do Núcleo de Desenvolvimento Turístico do Concelho de Faro – Aprovado por Maioria 60 2.ª Fase do Plano Municipal de Mobilidade e Transportes de Faro (PMT) – Aprovado por Maioria 90 Regulamento dos Horários de Funcionamento dos Estabelecimentos Comerciais e de Prestação de Serviços do Município de Faro – Aprovado por Maioria 91 Protocolo de cooperação entre o Município de Faro e a Associação Humanitária de Bombeiros de Faro – Aprovado por Unanimidade 97 “Aquisição de Veículo Florestal de Combate a Incêndios-FARO” - Candidatura ao Programa Operacional Sustentabilidade e Eficiência no Uso de Recursos (POSEUR) – Aprovado por Unanimidade 181 Protocolo de transferência de competências e meios a celebrar entre o Município de Faro e os Agrupamentos de Escolas João Deus, Pinheiro e Rosa, Tomás Cabreira, D. Afonso III e de Montenegro. Valores a transferir para os agrupamentos: Pinheiro e Rosa - €95.653,10; Tomás Cabreira - €56.242,14; D. Afonso III - €54.990,07; Montenegro €40.372,50; João de Deus €36.880,47 *Montante de €89.600,00, referente à Ação Social escolar, a ser transferido só após início do ano letivo e à subsequente receção do número final de alunos carenciados – Aprovado por Unanimidade 182 2.ª Fase da Revisão do Plano Diretor Municipal de Faro – Aprovado por Maioria 192-A 1.ª Revisão ao Orçamento de 2017 (29 de Março de 2017) – Reprovada por Maioria 198 Aprovação da proposta do Plano de Pormenor do Largo Dr. Francisco Sá Carneiro – Aprovado por Maioria 206 Protocolo a celebrar entre o Município de Faro, a Empresa Tavares & Guerreiro, Lda., a Empresa de Transportes do Rio Guadiana, Lda., o Agrupamento de Escolas Dr. Francisco Fernandes Lopes, a Empresa Transportadora Eva Transportes, S.A., o Agrupamento de Escolas de Tomás Cabreira, o Agrupamento de Escolas de Pinheiro e Rosa, o Agrupamento de Escolas D. Afonso III, o Agrupamento de Escolas João de Deus, O Agrupamento de Escolas de Montenegro, o Agrupamento de Escolas João da Rosa, o Agrupamento de Escolas José Belchior Viegas, o Agrupamento de Escolas de Almancil, o Agrupamento de Escolas Dr.ª. Laura Ayres, o Agrupamento de Escolas Eng.º. Duarte Pacheco, o Agrupamento de Escolas Prof. Paula Nogueira, a Escola Secundária de Loulé, a Escola Profissional D. Francisco Gomes de Avelar. Determina a realização do serviço de transporte “entre o local da sua residência e o local do estabelecimento de ensino a todos os alunos dos ensinos primário, preparatório TV, preparatório direto e secundário, oficial ou particular e cooperativo quando residam a mais de 3 ou 4 km dos estabelecimentos de ensino”. – Aprovado por Unanimidade 247-C 1.ª Revisão ao Orçamento de 2017 (28 de Abril de 2017) – Aprovado por Maioria 322 Protocolo para comparticipação técnica e financeira para a construção da nova ponte para a Praia de Faro – Aprovado por Maioria 348 Repavimentação da Avenida Cidade Hayward. Procedimento Concursal. Valor base para empreitada fixado em €265.640,50 – Aprovado por Unanimidade 371 Repavimentação da E. M. 520-4 e Urbanização de Mata Lobos. Procedimento Concursal. Valor base para empreitada fixado em €277.019,00 – Aprovado por Unanimidade 448 Comparticipação nas despesas de investimento da Associação de Municípios Loulé/Faro - Empreitada Complexo Desportivo Campus de Treino do Parque das Cidades – Aprovado por Unanimidade 453 Atribuição de medalhas de mérito ao abrigo do Regulamento das Distinções Honoríficas do Município de Faro. Distinguidos: António Justo lima Mendes; António Manuel da Costa Guedes Branco; Diogo Miguel Ramires Piçarra; Ginásio Clube Farense; Joaquim Manuel Leitão Ribeiro Arenga; João Maria Larguito Claro; José Sousa Uva; Conselho Regional da Ordem dos Advogados de Faro; Ordem dos Engenheiros – Delegação Distrital de Faro; Ordem dos Médicos – Delegação Regional de Faro – Aprovado por Unanimidade 474 Atribuição de apoio financeiro ao associativismo de juventude do Concelho de Faro – Aprovado por Unanimidade 475 Atribuição de apoio financeiro ao associativismo Social do Concelho de Faro – Aprovado por Unanimidade 476 Atribuição de apoio financeiro ao associativismo Cultural do Concelho de Faro – Aprovado por Unanimidade 482 Plano de Transportes Escolares – Ano Letivo 2017/2018. Valor Total de €519.651,55 – Aprovado por Unanimidade 515 Atribuição de Topónimo: Jardim António Justo – Aprovado por Unanimidade 548 Protocolo para uma Estratégia de Combate à Violência Doméstica e de Género – Aprovado por Maioria 511 Protocolo de Cooperação para Constituição do Dispositivo Especial de Combate a Incêndios Florestais, na Região do Algarve, no Ano de 2017. Compensação Financeira no valor de €21.011,2 – Aprovado por Unanimidade 598 Atribuição de medalhas de bons serviços e dedicação a trabalhadores municipais – Aprovado por Unanimidade 614 Repavimentação da Avenida Cidade Hayward. Adjudicada a Manuel António & Jorge Almeida – Construções, S.A., pelo montante de €178.466,86 + IVA – Aprovado por Unanimidade 615 Repavimentação da E. M. 520-4 e Urbanização de Mata Lobos - Decisão de adjudicação. Adjudicada a Candeias & Silva Lda., pelo montante de €179.9677,90 + IVA – Aprovada por Unanimidade 691 Protocolo de colaboração entre o Município de Faro, o Ginásio Clube Naval e a Associação de Moradores da Ilha da Culatra para a criação de uma escola de vela na Ilha da Culatra – Aprovado por Unanimidade 695 Atribuição de Apoio Financeiro Pontual à PRAVI (Projeto de Apoio a Vítimas Indefesas). Valor Total €2.000.00 – Aprovado por Unanimidade 696 Protocolo de Colaboração para Aquisição de Veículo Operacional de Proteção e Socorro entre o Município de Faro e a Associação Humanitária de Bombeiros de Faro. Concessão do apoio financeiro no valor de €32.700,00 – Aprovado por Unanimidade 697 Atribuição de Apoio Financeiro ao Associativismo Desportivo do Concelho de Faro. Montante de €111.297,78 – Aprovado por Unanimidade 806 Estudo Prévio da Variante Sul de Estoi – Faro Tramo 5 - Req.º n.º 20024 de 30/06/2017 - Construtora Algarvia do Sotavento, Lda – Aprovado por Unanimidade 807 Estudo prévio da Variante Sul do Montenegro - Req.º n.º 26881 de 08/09/2017- YOURSET2GO – Aprovado por Unanimidade 833 Implementação do orçamento participativo no Município de Faro – Aprovado por Unanimidade 836 Procedimento para a “Celebração de contrato de gestão de eficiência energética ao abrigo do disposto do Decreto-Lei nº 29/2011, de 28 de fevereiro, para Implementação de Medidas de Eficiência Energética na Iluminação Pública da Cidade de Faro – Aprovado por Unanimidade 838 Grande Opções do Plano e Orçamento 2018 – Aprovado por Maioria 841 Projeto de Regulamento de Gestão do Parque Habitacional do Município de Faro – Aprovado por Unanimidade


transparência

28

IMI BAIXA PELO 2º ANO CONSECUTIVO Desagravamento dos impostos municipais originou injeção suplementar de 3 milhões de euros para as famílias e empresas de Faro Diz o povo que depois da tempestade

e taxas que, desta forma, revertem a

vem a bonança. Como é sabido, em

favor da economia local e familiar. Em

Faro, a turbulência financeira gerada

2017 foi possível baixar o Imposto Mu-

por uma dívida gigantesca, acumulada

nicipal sobre Imóveis (IMI) de 0,50%

até 2009, provocou a tomada de me-

para 0,45% – o que representa uma

didas drásticas. O objetivo era retirar

descida de 10%. Em 2018, por pro-

o município da situação de insolvência

posta do Executivo permanente, o IMI

a que chegou (pagamentos a 380 dias,

desce mais 0,05%, fixando-se agora

71 milhões de dívida total) e recuperar

nos 0,40%.

a autonomia e a dignidade perdidas.

O pacote fiscal para este ano prevê

8 anos volvidos, podemos dizer que o

ainda, como novidade, um apoio signi-

programa foi um sucesso pelo que se

ficativo para os agregados com filhos a

tornou possível investir mais no con-

cargo. Assim, as famílias com um filho

celho e desonerar fiscalmente muní-

pagam menos 20 euros de IMI; as fa-

cipes e empresas. Para 2017 e 2018,

mílias com dois filhos pagam menos

o município abdicou mesmo de cerca

40 euros e aquelas com três, ou mais,

de 3 milhões de euros em impostos

passam a pagar menos 70 euros de IMI.

receita / despesa 2017 -

em euros

total da receita cobrada - 61.313.501,31

total aquisições e serviços - 9.140.638,90

total faturado no ano - 57.084.709,82

total transferências - 4.695.730,78

Faro em revista  

revista municipal do ano de 2017

Faro em revista  

revista municipal do ano de 2017

Advertisement