Page 1

07

SETEMBRO2013

ACELERAÇÃO ECONÓMICA

IMI

CÂMARA MUNICIPAL DELIBERA REDUÇÃO DE 5% NAS TAXAS

CICLOVIA

OBRAS ENTRAM NA FASE FINAL

BEJA CAPITAL JOVEM

PROGRAMA DE INCENTIVOS PARA A FIXAÇÃO DE JOVENS


37

24 BEJAlma ENTREVISTA A CARLOS COELHO

26 DE BEJA, UMA NOVA MARCA 04 BEJA SOLIDÁRIA FICHA TÉCNICA PROPRIEDADE Câmara Municipal de Beja DIRETOR Jorge Pulido Valente REDAÇÃO / COMPOSIÇÃO Gabinete de Comunicação Integrada IMPRESSÃO SOCIEDADE EDITORIAL BÉTICA TIRAGEM 19.000 exp. - N.º 07

08 BEJA ECOPÓLIS

MAIS

10 REQUALIFICAÇÃO URBANA

28 TURISMO E PATRIMÓNIO

PERTO DO CIDADÃO

14 SITUAÇÃO FINANCEIRA

29 MOVIMENTO ASSOCIATIVO

16 ORÇAMENTO PARTICIPADO

31 BEJA CAPITAL DA JUVENTUDE

18 CONFERÊNCIAS

32 PROGRAMA FÉRIAS DE VERÃO

34 EXPERÊNCIAS A SUL

REGIÕES EUROPEIAS EMERGENTES

20 ACELERAÇÃO ECONÓMICA

DISTRIBUIÇÃO GRATUITA ESCRITO AO ABRIGO DO ACORDO ORTOGRÁFICO

27 NOVO PORTAL

22 COMÉRCIO TRADICIONAL

VINIPAX OLIVIPAX BEJA GOURMET BEJA KIDS BEJA BRAVA


NOTA DE ABERTURA

DESAFIOS! JORGE PULIDO VALENTE

Presidente da Câmara Municipal de Beja

Estamos em condições de encarar com confiança e determinação os grandes desafios que o futuro nos coloca!

Agora que conseguimos a recuperação e a estabilização financeira da autarquia, que aumentámos a eficiência e a eficácia dos serviços municipais, que estamos a concretizar os projetos estruturantes da estratégia de desenvolvimento do município e que está consolidada uma rede alargada de parcerias, estamos em condições de encarar com confiança e determinação os grandes desafios que o futuro nos coloca. O primeiro é, sem dúvida, a aceleração económica, indispensável para a criação de mais riqueza e mais emprego! Por isso, é tão importante realizarmos, conforme previsto no programa da parceria geoestratégica com os municípios vizinhos, as primeiras conferências internacionais das regiões emergentes europeias. Ao longo de três dias irão ser apresentados e debatidos, por especialistas e profissionais dos vários setores económicos identificados como decisivos, casos de estudo idênticos ao de Beja, que nos permitam definir os fatores chave que nos proporcionarão a aceleração económica desejada. Nova agricultura, agro-indústria, indústrias aeronáuticas, turismo, energia, água e ambiente serão os principais temas em debate. O segundo é a coesão social em geral e, muito especialmente, o grave problema da ha-

bitação, que, progressivamente, tem vindo a afetar cada vez mais famílias de estratos sócio-económicos muito diferenciados. Sendo, na presente conjuntura de crise e de diminuição de recursos financeiros disponibilizados pela administração central, praticamente impossível construir mais habitação social é indispensável recorrer a outras e novas soluções, nomeadamente as que temos vindo a encontrar através do mercado social de arrendamento. O terceiro é o de sermos ainda mais rigorosos e eficientes na gestão, de forma a, utilizando mais racionalmente os recursos disponíveis, fazermos mais com menos em todas as áreas de intervenção municipal, das instituições e das empresas. A melhoria da organização de todos os organismos públicos e privados é condição indispensável para atingirmos esse objetivo. Por último, embora outros desafios existam, o de intensificarmos e reforçarmos por um lado, as parcerias alargadas em torno de uma agenda para o desenvolvimento e, por outro, a participação pública nos processos de inovação institucional e de decisão na gestão municipal. Mãos à obra! Abraço Jorge Pulido Valente

BOLETIM MUNICIPAL 3


BEJA SOLIDÁRIA

MUNICÍPIO DE BEJA APOSTA EM PROJETO DE SOLIDARIEDADE E VOLUNTARIADO O novo projeto “Particip(e) Ajude” desafia os colaboradores da autarquia, da Empresa Municipal de Água e Saneamento de Beja - EMAS e os utentes do Centro Social do Lidador a participar em atividades de Solidariedade e Voluntariado. A Câmara Municipal de Beja, atenta à realidade social do concelho, onde existem muitas instituições de carácter social, pretende, num contexto de restrição orçamental, contribuir através do voluntariado, para o apoio às IPSS na prossecução dos seus objetivos, planos de atividades e necessidades. Ao incentivar as ações de voluntariado em horário laboral dos seus colaboradores, contribui para a satisfação das necessidades das instituições e associações do concelho de Beja que manifestem interesse em receber este tipo de apoio.

PARTICIP(E)AJUDE

PROMOVE PRIMEIRA AÇÃO DE VOLUNTARIADO NA ANTIGA ESCOLA Nº4 A primeira ação de voluntariado teve lugar na antiga escola nº4. Os voluntários colaboraram na limpeza e pintura deste espaço que é agora sede de algumas associações do concelho, de modo a proporcionar-lhes melhores condições. A CÂMARA MUNICIPAL DE BEJA AGRADECE A TODOS OS QUE SE ENVOLVEREM NESTA CAUSA.

BEJA INTEGRA PROJETO DE VOLUNTARIADO GREEN AGE A Câmara Municipal de Beja em parceria com a Associação Check-In e a Associazione Agrado sediada em Vinci – Itália, integraram um projeto de voluntariado sénior (Green Age sénior volunteering) em Itália, no qual vão participar 6 utentes do Centro Social do Lidador. Este projeto tem como objetivo a participação dos cidadãos séniores em atividades sem fins lucrativos num país europeu semelhante.

4

BOLETIM MUNICIPAL

Tratando-se de um projeto que visa o intercâmbio de voluntários através dos conhecimentos, competências e experiência dos cidadãos séniores, em Outubro, o Município de Beja, irá receber também seis voluntários séniores italianos. Este projeto está integrado no “Programa de Aprendizagem ao Longo da Vida” e é financiado com o apoio da Comissão Europeia.


BEJA SOLIDÁRIA

CÂMARA CELEBRA PROTOCOLOS COM

CÁRITAS DIOCESANA DE BEJA E CRUZ VERMELHA PORTUGUESA

A Câmara Municipal de Beja celebrou dois protocolos de colaboração com a Cáritas Diocesana de Beja e a Cruz Vermelha Portuguesa – centro Humanitário de Beja, na área da protecção civil, assistência, socorro e apoio da reposição da normalidade da vida das pessoas residentes no concelho. Os protocolos celebrados contribuem para dar uma res-

posta célere e eficaz no que diz respeito à disponibilização de vestuário, agasalhos, refeições confeccionadas, transporte de doentes/vítimas e apoio psico-social a vítimas e familiares de vítimas, fazendo face a situações de carência decorrentes de situações de emergência, acidente grave ou catástrofe em território concelhio.

A autarquia prossegue assim o seu trabalho de promoção de parcerias com as entidades sedeadas no concelho, no sentido de melhorar as relações institucionais, reforçando a coesão entre as partes para, de forma rápida e eficiente, responder aos desafios inerentes à ocorrência dos riscos que o território encerra.

INAUGURAÇÃO DE BANCO DE AJUDAS TÉCNICAS ENTRE(E)AJUDE Inaugurou recentemente um terceiro espaço da Loja Social no Mercado Municipal de Beja. É um espaço dedicado às ajudas técnicas (muletas, cadeiras de rodas ou camas articuladas) que resulta da aplicação de 50% da verba angariada no primeiro ano da implementação da Loja Social de Beja. O Banco de Ajudas Técnicas “Entre(e)Ajude”, pretende assim dar resposta a indivíduos que por motivos de perda de

autonomia física, temporária e/ou permanente, que necessitam da utilização de ajudas técnicas. Para o efeito, os interessados devem dirigir-se à Loja Social, espontaneamente, com prescrição médica, ou por encaminhamento de entidades locais parceiras da Rede Social. Um projeto da Câmara Municipal de Beja, em parceria com a Rede Social do Concelho de Beja e a Fundação S. Barnabé.

BOLETIM MUNICIPAL 5


BEJA SOLIDÁRIA

CONTRATO LOCAL DE DESENVOLVIMENTO SOCIAL (CLDS+)

A Câmara Municipal de Beja, a convite da Segurança Social, está a desenvolver o CLDS+ Contrato Local de Desenvolvimento Social. A integração de Beja no projeto CLDS+ significa uma aposta num melhor desenvolvimento local com particular atenção para

a concretização de medidas que promovam a inclusão ativa das pessoas com deficiência e incapacidade. Promovido pela Câmara Municipal de Beja, coordenado e executado pela Alentejo XXI - Associação de Desenvolvimento Integrado do Meio Rural, o CLDS+ tem já

mais

uma equipa a trabalhar desde julho. Durante dois anos vão ser desenvolvidas acções mais aprofundadas de modo a reforçar o trabalho feito pela rede social e pelo gabinete de desenvolvimento social na promoção da inclusão social dos cidadãos.

BEJA RECEBEU

5ª VOLTA DE RASTREIO DO CANCRO DA MAMA DAS MULHERES A Liga Portuguesa Contra o Cancro do Núcleo Regional do Sul realizou a 5ª Volta de Rastreio do Cancro da Mama das mulheres.De 13 de Fevereiro a

6

BOLETIM MUNICIPAL

27 de Junho, atendeu mediante convocatória enviada pela Liga Portuguesa Contra o Cancro as mulheres do concelho, entre os 45 e os 69 anos. Esta

iniciativa contou com a colaboração da Câmara Municipal de Beja, Autoridades de Saúde e Juntas de Freguesia.


BEJA SOLIDÁRIA

CENTRO SOCIAL NOSSA SENHORA DA GRAÇA RECEBE APOIO EXTRAORDINÁRIO DA AUTARQUIA A Câmara Municipal de Beja aprovou a atribuição de um subsídio ao Centro Social Nossa Senhora da Graça, no valor equivalente à renda a receber pelo aluguer de terreno para instalação de estaleiro de empreiteiro de obras da EDIA, no valor total de 9.000€. A decisão foi tomada tendo em conta a situação financeira atual daquele centro, os postos de trabalho existentes e, sobretudo, o importante trabalho social realizado junto da comunidade. A nova dinâmica e empenho em reerguer e dar sustentabilidade ao Centro Social contribuíram também para esta decisão.

O MEU LIVRO FOI O TEU LIVRO

CAMPANHA DE REDISTRIBUIÇÃO DE MANUAIS ESCOLARES COM MEMÓRIA A Câmara Municipal de Beja voltou a promover a campanha de redistribuição de manuais escolares com memória. Decorre até ao dia 30 de Outubro, a campanha que resulta de uma parceria entre a Loja Social, a Biblioteca Municipal de Beja / José Saramago e o Movimento Nacional de Reutilização de Livros Escolares. Pretende-se assim criar um movimento de reutilização dos manuais escolares entre toda a comunidade de Beja e, em simultâneo,

promover a preservação do ambiente. Os interessados podem entregar os manuais escolares diretamente na Biblioteca Municipal de Beja ou na Loja Social (Mercado Municipal de Beja, Loja 8 rés do chão – 2ªf, 4ªf e 6ªf, entre as 10h e as 13h)

QUE MANUAIS ESCOLARES POSSO ENTREGAR? Todos. Os que forem adoptados pelas escolas do Concelho de Beja, serão integrados nesta campanha, os que não forem adoptados pelas escolas do Concelho de Beja, serão encaminhados para o Banco Alimentar – campanha “Papel por Alimento”. Desta forma, até 30 de Outubro, quem fez a sua inscrição prévia através da Loja Social ou através do email entreeajude_lojasocial@ hotmail.com poderá receber os manuais escolares com memória. BOLETIM MUNICIPAL 7


BEJA ECOPÓLIS

INSTALAÇÃO DE 3 ILHAS DE ECOPONTOS

BEJA RA

MA

UR

OG

foram selecionados devido à elevada produção de recicláveis, dando assim resposta às necessidades da população residente, comércio e serviços. Estas ilhas ecológicas, para além de estarem equipadas com um pilhão, têm informação que procura sensibilizar para as vantagens da reciclagem.

AL

pólis

PR

Foram instaladas três novas ilhas de ecopontos de grandes dimensões na Rua José Correia, na Praça da Amizade e na Rua Padre António Vieira. As ilhas ecológicas foram adquiridas pela Resialentejo com o apoio do Município, no âmbito de uma candidatura a fundos comunitários. Os locais escolhidos

100%

NA

T

MONITORIZAÇÃO DA QUALIDADE DO AR NA CIDADE DE BEJA A CCDR - Alentejo monitoriza a qualidade do ar em toda a região do Alentejo. Além das estações fixas, participa em vários projetos de caráter científico desenvolvidos na região onde a componente qualidade do ar está presente. Foi adquirida uma estação móvel de monitorização da qualidade do ar para estabelecer uma relação entre os dados de

qualidade do ar com dados de saúde. Em Beja, esteve no NERBE, no pólo da Escola Superior Agrária, no Jardim Público e na Praça da República. A monitorização, cujo período de medição foi de três semanas em cada local, pretendeu estudar a taxa de incidência de cancro na região afeta ao projeto e compará-la com o resto da região Alentejo.

INOVOBEJA INSTALA NOVAS UNIDADES DE MICROGERAÇÃO A Inovobeja - Empresa Municipal de Desenvolvimento EM – instalou em junho novas unidades de microgeração nos edifícios da Casa Pia, Centro de Acolhimento Temporário “A Buganvília” e ainda no Campo de Futebol do União Beringelense, em Beringel. Estas três novas instalações representam uma clara aposta

8

BOLETIM MUNICIPAL

na colaboração do Município de Beja com outras entidades na diminuição da sua fatura energética através da empresa municipal Inovobeja EM, que suporta na totalidade os custos destas operações. Ao todo, até ao final do ano, serão já 18 os sistemas de microgeração em funcionamento.


BEJA ECOPÓLIS

CÂMARA APROVA LOTES PARA CONSTRUÇÃO SUSTENTÁVEL A BAIXO CUSTO E COM VÁRIOS INCENTIVOS A Câmara Municipal de Beja alienou em hasta pública, com carta fechada, no dia 18 de julho, 7 lotes de terreno destinados à construção de habitações unifamiliares, em área abrangida pelo Plano de Pormenor de Ligação do Bairro do Pelame à Quinta D´El Rei. A venda destes lotes pertencentes ao domínio privado do Município destina-se apenas à construção sustentável.

Para tal, a autarquia disponibiliza, a título gratuito, o projeto de arquitetura já devidamente certificado a quem manifestar interesse. Pretende-se deste modo contribuir para a promoção de uma construção sustentável, ecológica, propondo técnicas, materiais, sistemas inovadores, que, num todo, resultem numa habitação de custos de

manutenção e vivência diária reduzidos. A condição de acesso à compra destes lotes de terreno, foi um valor base de licitação de 5000€, e o compromisso da adopção de boas práticas ambientais na perspetiva da sustentabilidade da construção com vista à obtenção da sua certificação ambiental através do sistema de certificação LiderA.

BOLETIM MUNICIPAL 9


REQUALIFICAÇÃO URBANA OBRAS

COBERTURA DE EDIFÍCIO RUA DO SEMBRANO

FASE FINAL DOS ARRANJOS EXTERIORES ENTRADA SUL DE BEJA

PAVIMENTAÇÃO

ENTRADA - CAMPO RELVADO SINTÉTICO Nº1

10


REQUALIFICAÇÃO URBANA OBRAS

FASE FINAL DOS TRABALHOS CICLOVIA

3ª FASE ARRANJOS EXTERIORES CIRCULAR INTERNA

ARRANJOS EXTERIORES PARQUE DE MATERIAIS

11


REQUALIFICAÇÃO URBANA OBRAS

INSTALAÇÃO DE WC HORTAS URBANAS

DEPÓSITO DE GÁS ESTIG

ARRANJOS

PEIXARIA - MERCADO MUNICIPAL

12


REQUALIFICAÇÃO URBANA OBRAS

APOIO À CONSTRUÇÃO PARQUE INFANTIL DE MOMBEJA

PAVIMENTAÇÃO

INICIAM EM BREVE OS TRABALHOS NO BAIRRO DA COOPERATIVA LAR PARA TODOS

PINTURA

TRABALHOS INCIADOS NA BIBLIOTECA MUNICIPAL DE BEJA - JOSÉ SARAMAGO

13


SITUAÇÃO FINANCEIRA

CÂMARA DE BEJA REGISTA

DECRÉSCIMO NO ENDIVIDAMENTO LÍQUIDO ABAIXO DO LIMITE ESTABELECIDO PELA DGAL

12.315,630€

O Município de Beja congratula-se com mais um objetivo financeiro atingido. Desta vez, relativamente aos valores do endividamento líquido. Destaca-se o facto do Município de Beja, neste momento, se encontrar 50% abaixo do limite estabelecido pela DGAL (12.315,630 euros), conforme consta no artigo 98º do Orçamento de Estado de 2013. Deste modo, a autarquia regista mais um resultado que é reflexo do empenho revelado ao longo destes últimos anos para ultrapassar o cenário negativo que imperava.

CÂMARA MUNICIPAL DE BEJA DELIBERA BAIXA DE 5% NAS TAXAS DE IMI Tendo em conta a atual situação das famílias e empresas, aprovou esta autarquia deliberar uma baixa de 5% nas taxas cobradas de IMI, voltando no próximo ano a analisar-se esta situação no sentido de uma diminuição ainda maior, logo que se tenha uma ideia mais clara do impacto da avaliação. Relativamente aos prédios avaliados no âmbito do CIMI, a nova taxa será de 0,38% (anteriormente 0,4%), para os prédios

não avaliados no âmbito do CIMI, a taxa fixa-se nos 0,57% (anteriormente 0,6%). Nos prédios rústicos a taxa mantém-se, uma vez que são valores muito baixos, sendo que parte dos mesmos constituem receita das respetivas Juntas de Freguesia onde estão localizados. A Câmara Municipal de Beja dá, assim, mais um passo importante no sentido de tornar o concelho cada vez mais atrativo

para os cidadãos. Esta decisão foi aprovada com os votos favoráveis do PS e abstenção da CDU.

REDUÇÃO DE 15% NAS RENDAS DE TODOS OS CONCESSIONÁRIOS A Câmara Municipal de Beja aprovou a redução de 15% nas rendas de todos os concessionários de espaços municipais como os talhos e mercearias do mercado municipal ou as concessões de espaços munici-

14 BOLETIM MUNICIPAL

pais, como os bares em edifícios. Esta medida procura reduzir os encargos associados ao desenvolvimento das atividades económicas que são cada vez maiores neste contexto de crise.

REDUÇÃO


SITUAÇÃO FINANCEIRA

CONSELHO DA EUROPA CONVIDA BEJA PARA PROJETO DE FINANÇAS LOCAIS A convite do Conselho da Europa, a Câmara Municipal de Beja integra projeto europeu de transferência de conhecimento na área da gestão das finanças locais. Este projeto pretende conhecer e divulgar as boas práticas de gestão financeira

a nível local e também transferir conhecimento nesta área para os vários países da comunidade europeia. Em tempos de cortes nas finanças locais, esta participação assume especial importância, dado que irá permitir a apresentação de

propostas que irão beneficiar todos os municípios portugueses no que respeita a distribuição dos recursos financeiros do orçamento de estado. Todas as despesas do projeto são suportadas pelo Conselho da Europa.

CÂMARA MUNICIPAL DE BEJA DISPONIBILIZA PAGAMENTO DE RENDAS ATRAVÉS DE MULTIBANCO No âmbito do processo de Modernização Administrativa, o Município de Beja concretizou o objetivo do pagamento de rendas através de multibanco. À semelhança de outros serviços, cujo pagamento já pode ser realizado através desta forma de pagamento (como o pagamento de contra-ordenações

ou publicidade), também o pagamento das rendas de habitação, de quiosques, de ocupação de espaços municipais, de concessões do mercado do pavilhão de micro-empresas e ainda as rendas de edifícios, podem ser efetuadas através de multibanco.

CÂMARA DE BEJA PARTICIPA EM CONFERÊNCIA SOBRE OS FUNDOS COMUNITÁRIOS 2014/2020 A convite do Ministro do Desenvolvimento Regional, o Presidente da Câmara Municipal de Beja participou na conferência sobre o próximo pacote de fundos comunitários 2014/20. Foi apresentada a estratégia de desenvolvimento para a re-

gião, o concelho e a cidade, num painel moderado pelo Secretário de Estado do Ordenamento do Território. O projeto Beja Ecopolis/Cidade Inteligente mereceu um grande interesse de todos os presentes e o reconhecimento da sua impor-

tância para o desenvolvimento futuro do Município de Beja e da região Alentejo.

BOLETIM MUNICIPAL 15


ORÇAMENTO PARTICIPADO

ORÇAMENTO PARTICIPADO 2014 A Câmara Municipal de Beja, com o objetivo de aumentar e intensificar a participação dos cidadãos na vida municipal, e particularmente na elaboração do orçamento para 2014, lançou ainda em 2013 um processo de construção progressiva do mesmo. Nesta fase, irão ser

recolhidas, via site e inquérito postal, mais contributos dos munícipes. A designação escolhida - Orçamento Participado - visa diferenciar este projeto dos Orçamentos Participativos, nos quais os cidadãos não participam na definição dos objeti-

vos e prioridades gerais, mas apenas se limitam a candidatar e votar projetos, a enquadrar num montante limitado e pré-definido. Trata-se, por isso, de uma experiência inovadora e muito mais rica em termos de participação efetiva dos cidadãos.

SESSÃO PÚBLICA DE APRESENTAÇÃO RESULTADOS DO INQUÉRITO ONLINE 2013 A Biblioteca Municipal acolheu a primeira reunião pública para a elaboração do orçamento participado de 2014. Nesta reunião foram apresentados os resultados do inquérito on-line, já realizado experimentalmente para o Orçamento de 2013, e feito o enquadra-

16 BOLETIM MUNICIPAL

mento económico e financeiro, incluindo os compromissos transitados e as limitações orçamentais. Após a realização desse um inquérito on-line do ano anterior, procedeu-se à apresentação pública dos respetivos resultados e do enquadramento

financeiro, ao nível das receitas e despesas previstas, compromissos e disponibilidades. Nesta sessão foram ainda solicitadas, aos presentes, propostas e definição de prioridades. A participação do público presente foi bastante proveitosa.


ORÇAMENTO PARTICIPADO

COMO PARTICIPAR? A pensar no aumento da participação pública e num maior alcance desta medida de proximidade da população com a gestão autárquica, optámos este ano por alargar o leque de opções e formas de participar neste processo auscultativo da população do concelho. Assim, o questionário do Orçamento participado 2014 estará disponível em 3 formas distintas: online, postal, presencial. Online, o questionário poderá ser acedido a partir do site da Câmara Municipal em www.cm-beja.pt na página do facebook

em facebook.com/camaramunicipaldebeja e também na caixa de correio electrónico de toda a nossa base de dados. Se ainda não se registou, pode também fazê-lo no nosso site e passar a receber informação municipal no seu e-mail. Postal, através do envio, gratuito, do anexo que foi ditribuído com este Boletim Municipal, bastando para tal deixar o mesmo dentro do envelope RSF, também disponível com esta publicação,num qualquer marco/posto dos correios. Este envio não tem qualquer custo para o utilizador.

Presencialmente, através de entrevistas porta a porta em todas as freguesias do concelho, em que o entrevistador preencherá o questionário em entrevista direta. Em todos os casos, os dados recolhidos são anónimos e tratados como tal. Esperamos contar com o seu contributo, da forma que entender mais conveniente e do seu agrado, agradecendo também a divulgação deste instrumento de participação pública tão importante e de fácil utilização.

disponível em www.cm-beja.pt

ORÇAMENTO PARTICIPADO 2014

em envelope RSF anexos a este boletim BOLETIM MUNICIPAL 17


REGIÕES EUROPEIAS EMERGENTES CONFERÊNCIAS

BEJA RECEBE CONFERÊNCIA DAS REGIÕES EUROPEIAS EMERGENTES 11A13 SETEMBRO AUDITÓRIO NERBE No âmbito do intenso trabalho que a Câmara Municipal de Beja tem vindo a desenvolver, em conjunto com vários parceiros locais, regionais, nacionais e internacionais, com o objetivo de criar uma dinâmica de aceleração económica, através da captação de novos investimentos nos setores agrícola, agro-industrial, turístico, comercial, aeronáutico e ambiente, que potenciem os projetos estruturantes da região, vão ter lugar, na nos-

sa cidade, entre 11 e 13 de Setembro, as Conferências das Regiões Europeias Emergentes. Esta iniciativa enquadra-se na parceria geoestratégica que reúne os municípios de Beja (chefe de fila) e os de Cuba, Alvito, Vidigueira e Ferreira do Alentejo, e encerra um ciclo de conferências que percorreu os concelhos parceiros. Como resultados mais objetivos deste evento espera-se uma projecção e promoção de Beja e das oportunidades de negócio

DURANTE O CONGRESSO, OS SEGUINTES TEMAS SERÃO DEBATIDOS SOB O PONTO DE VISTA DAS OPORTUNIDADES DE INVESTIMENTO:

18 BOLETIM MUNICIPAL

existentes na região, bem como a captação de mais investimentos criadores de riqueza e emprego. Escolhida por liderar uma região onde o crescimento é mais elevado face à média europeia, com níveis de investimento elevados e onde os empregos atraem profissionais de outros setores e regiões, Beja é a cidade que acolherá este congresso.

Os temas serão discutidos com base em apresentações de casos de estudo, realização de mesas redondas, fórum de ideias, networking, assim como visitas a locais de elevado potencial.


REGIÕES EUROPEIAS EMERGENTES CONFERÊNCIAS

PROGRAMA CONFERÊNCIAS DAS REGIÕES EUROPEIAS EMERGENTES MESAS REDONDAS QUARTA 11 DE SETEMBRO 14.30 – 17.30 Sessão Técnica Planeamento Energético Integrado e Sustentável Apresentação do caso de estudo de Beja no Pacto de Autarcas 17.30 – 18.30 Reuniões Bilaterais

QUINTA 12 DE SETEMBRO 09.00 – 10.30 Sessão de abertura Discurso de Boas-vindas

11.00 – 13.00 Sessão Plenária Regiões emergentes num contexto global

Clusters locais e estratégias de integração MESA REDONDA 1 Aeronáutica e Aviação MODERADOR Pedro Beja Neves, ANA Aeroportos MESA REDONDA 2 Agricultura e agro indústrias MODERADOR Carlos Lopes de Sousa, Agrocluster do Ribatejo MESA REDONDA 3 Turismo e Nova ruralidade MODERADORES António Ceia da Silva, Turismo do Alentejo Luís Cavaco ADRAL MESA REDONDA 4 Energia e bioenergia

SEXTA 13 DE SETEMBRO 08.30 – 09.30 Reuniões bilaterais 09.30 – 10.00 Apresentação de resultados das mesas redondas 10.00 – 11.00 Sessão Plenária Regiões Emergentes do futuro - novos negócios e crescimento económico MODERADOR Filipe Pombeiro, NERBE João Basto EDIA Kathryn Havering WSX Enterprise Jonathan Gibbs Macfarlan Smith Limited 11.30 – 12.30 Sessão Plenária Estratégias para o sucesso das regiões emergentes MODERADOR Marcos António Nogueira, IrRADIARE

MODERADOR Elsa Nunes, IrRADIARE

MODERADOR Rui Pedro Henriques IrRADIARE

Giuseppe Falco A agricultura na perspetiva de agricultores inovadores

MESA REDONDA 5 Sustentabilidade, ambiente e qualidade de vida

Piotr Pawelec Apresentação do caso de estudo do Aviation Valley

MODERADOR Nuno Banza Inspeção Geral da Agricultura, Mar, Ambiente e Ordenamento do Território

Simone D’Antonio Estratégias para o desenvolvimento urbano e qualidade de vida

14.00 – 16.00 Reuniões bilaterais

12.30 – 13.00 Lançamento do Coeer.org

16.00 – 18.30 Visitas Técnicas

14.00 – 17.00 Visitas técnicas

Pablo Morales Apresentação de caso de estudo da Andaluzia Carlos Coelho, Ivity Regiões emergentes num contexto global (debate)

Antonella ALDA

Valmorbida

Joana Mundó Estratégias para a Energia e para o desenvolvimento regional

BOLETIM MUNICIPAL 19


ACELERAÇÃO ECONÓMICA

APROVAÇÃO FINAL DA REVISÃO DO PDM E DISCUSSÕES PÚBLICAS Foi aprovado por unanimidade em reunião de câmara extraordinária realizada no dia 19 de Julho o processo de Revisão do PDM e a sua submissão a inquérito público. Tiveram lugar várias sessões de dis-

cussão pública do PDM dirigidas a diferentes públicos. Houve uma sessão dirigida a empresários, uma destinada às entidades públicas e técnicos dos respectivos serviços, incluindo os da Câmara Municipal

de Beja, e outra para as coletividades culturais, desportivas, recreativas e sociais. O processo de discussão pública termina a 23 de setembro.

CÂMARA MUNICIPAL DE BEJA ESTABELECE MEMORANDO DE ENTENDIMENTO COM A MACFARLAN A Câmara Municipal de Beja propôs um memorando de entendimento à empresa McFarland. Esta empresa produz papoila branca destinada à produção de morfina, um fármaco opiáceo utilizado em medicina. A proposta prevê que a autarquia e a empresa estabeleçam princípios de trabalho que viabilizem a instalação definitiva e alargada da empresa no concelho uma vez que se trata de um projeto de muito

20 BOLETIM MUNICIPAL

interesse, com muitas mais-valias para a região. Pretende-se que a empresa centralize toda a sua operação na cidade, para tal a Câmara está a trabalhar com a McFarland no sentido de encontrar um local que permita o armazenamento e a instalação da unidade de transformação agro-industrial ligada a este processo. A proposta de memorando está ainda em análise pelo gabinete jurídico da McFarland.


ACELERAÇÃO ECONÓMICA

BEJA ADERE À PLATAFORMA GLOBAL FIND O Município de Beja decidiu aderir ao projeto da Plataforma Global Find, que tem por objetivo disponibilizar um instrumento de suporte à projeção internacional da oferta de localização empresarial do município e que permitirá gerir um número significativo de processos comerciais. A Câmara Municipal de Beja e a Agência para o Investimento e Comércio Externo de Portugal têm por objetivo comum potenciar a fixação de empresas nacionais e internacionais em espaços industriais e empresariais disponíveis no município. Deste modo, a plataforma em desen-

volvimento, que consiste numa ferramenta de base web, assente em SIG, que, através de análises multicritério, permite a um investidor sedeado em qualquer local do mundo, localizar e seleccionar espaços para instalação de novas unidades empresariais em Portugal Continental. Resulta assim do nível de exigência, da complexidade, da multidisciplinaridade do número de casos e da necessidade de dispor de um instrumento avançado de interação com os intervenientes externos nos processos comerciais.

CÂMARA MUNICIPAL PREPARA PROTOCOLO COM A CENFORTEC REQUALIFICAÇÃO DO AERÓDROMO A Câmara Municipal de Beja assinou um protocolo de utilização da pista de ultra-leves e instalações de apoio no Aeródromo Municipal de Beja com o Grupo 7 Air – Cenfortec. No âmbito deste protocolo, a autarquia comprometeu-se a dar condições para que o Grupo 7 Air – Cenfortec possa dinamizar as infra-estruturas deste equipamento. Para já, está em funcionamento

E RENTABILIZAÇÃO

um curso de Técnicos de Manutenção Aeronáutica, mas ficou acordada também a dinamização de eventos e atividades de voos regulares no aeródromo. Pretende-se a evolução desta infra-estrutura, de forma a torná-la de novo viável e útil para Beja, tendo sido para tal necessário melhorar as condições da vedação e do aspeto exterior e interior do hangar, melhorar as condições de mo-

bilidade na pista e placas do aeródromo, e as condições de iluminação e de segurança. A Câmara Municipal de Beja apoiou os trabalhos de requalificação com a cedência do material necessário, maquinaria e mão de obra, e solicitou também aos agentes da autoridade o seu contributo mais ativo junto do aeródromo para garantir a segurança dos meios existentes.

BOLETIM MUNICIPAL 21


COMÉRCIO TRADICIONAL

COMÉRCIO TRADICIONAL PROGRAMA DE PROMOÇÃO, ANIMAÇÃO E DINAMINAZAÇÃO O Programa de Promoção, Animação e Dinamização do Comércio Tradicional de Beja, desenvolvido pela Câmara Municipal de Beja em parceria com a Associação Comercial de Beja, engloba um conjunto de iniciativas de promoção, animação e dinamização do comércio

tradicional e de melhoria do usufruto do espaço público. Procurando contrariar a tendência decrescente na procura do comércio tradicional, foi criado um plano de intervenção para promoção do comércio tradicional, mediante a implementação de estratégias

que reponham ou iniciem laços de confiança e relacionamento entre os clientes e comerciantes e a dinamização do espaço envolvente, no sentido de captar a atenção da população para atividades que a levem a procurar as zonas comerciais tradicionais.

OBJETIVOS De uma forma geral, os 5 objetivos principais deste programa passam por: 1. Promover, projetar a imagem e reforçar a competitividade do comércio tradicional; 2. Identificar tendências na revitalização comercial deste segmento e aplicar um modelo adaptado à realidade do concelho;

22 BOLETIM MUNICIPAL

3. Dar maior visibilidade a estes espaços não só enquanto locais de negócio, como também de memória coletiva; 4. Promover a aproximação e as parcerias entre instituições, comerciantes e residentes; 5. Incentivar a inovação na oferta comercial e estimular tanto os agentes comerciais, como a população;

A Câmara Municipal de Beja tem reunido com os comerciantes e com a Associação Comercial e já fez a apresentação do esboço de um programa bastante diversificado e que promete ajudar a dinamizar e revitalizar o comércio tradicional de todo o concelho.


PROJETOS EM CURSO

ÁREA DE REABILITAÇÃO URBANA DO CENTRO HISTÓRICO DE BEJA A definição da Área de Reabilitação Urbana do Centro Histórico de Beja teve como critério a centralidade no aglomerado urbano e na ACRRU, a existência de instrumentos de planeamento (Plano de Urbanização e dois Planos de Pormenor), o valor patrimonial, a localização atual e potencial de instituições, serviços e comércio mas onde é possível identificar zonas com vocação habitacional que se deseja variada e para destinatários diversificados, e onde estão projetados e em curso importantes investimentos que reúnem condições para potenciar outras operações de regeneração urbana.

3 ÁREAS DE INTERVENÇÃO UI1 DA ALTA DE BEJA UI2 DA BAIXA DE BEJA UI3 DA MOURARIA

BENEFÍCIOS FISCAIS IMI isenção por um período de 5 anos o qual pode ser prorrogado por mais 5 anos IMT isenção na 1º transmissão de imóvel reabilitado em ARU, destinado exclusivamente a habitação própria permanente

VANTAGENS A vantagem desta delimitação da ARU é conferir a possibilidade de dar benefícios fiscais aos proprietários que promovam ações de reabilitação dos prédios urbanos e frações autónomas localizados nesta área, desde que resulte a subida de dois graus no seu nível de conservação devidamente aferidos pelos técnicos do Município. Todas as operações de beneficiação que estejam concluídas até 2020 são elegíveis.

MUNICÍPIO PREPARA NOVO PLANO DE AÇÃO NA ÁREA DA REABILITAÇÃO URBANA OBJETIVOS DO NOVO PLANO DE AÇÃO: -

QUALIFICAR E REFORÇAR O VALOR PATRIMONIAL E CULTURAL ESTIMULAR A FUNÇÃO RESIDENCIAL REFORÇAR A FUNCIONALIDADE TURÍSTICA MELHORAR A QUALIDADE URBANA E AMBIENTAL POTENCIAR OS VALORES PATRIMONIAIS BOLETIM MUNICIPAL 23


DENOMINAÇÃO DE ORIGEM PROMETIDA

BEJAlma Serão os territórios marcas? Será Beja uma marca? O que é afinal uma marca colectiva e em que medida importa este assunto ao futuro de Beja.

O mundo está sempre a mudar. Mas, desta vez, a mudança está a acontecer a uma velocidade superior à capacidade que as sociedades têm para se adaptar aos novos tempos. Nesta tomada d e consciência planetária, que s e designa por globalização – lembro que Portugal foi há já 500 anos o percursor da primeira globalização da nossa era – a s marcas são, desta vez, o s grandes evangelizadores, assumindo uma nova forma de doutrina popular, para além do seu papel como motores da economia. Gostemos ou não, queiramos ou não, vivemos hoje numa “branded society”, onde a s marcas são o s principais agregadores dos povos e não apenas dos negócios. Tudo, ou quase tudo, é hoje uma marca. As coisas, as pessoas, a s causas, o s países, as regiões, as cidades. Neste contexto global de maior competição entre os territórios, e numa cultura d e marcas, todas as cidades tomaram consciência do impacto que a sua imagem no exterior tem n a sua economia local e por essa razão pretendem criar as suas marcas. As cidades precisam d e se afirmar no novo mapa mundo, aspirando a que a sua marca lhes permita valorizar os seus produtos e serviços, aumentar a procura, captar mais e melhor investimento, atrair as melhores

24 BOLETIM MUNICIPAL


pessoas e incentivar o turismo no seu território. Uma cidade, um concelho com uma marca forte significa, atratividade, emprego, desenvolvimento económico.

no seu conjunto gera, uma poderosa energia colectiva. Agregando a energia d o passado e do presente, a marca Beja pretende ser o rosto d e uma nova atitude,

desenvolvemos ao longo dos últimos 12 meses, tanto quanto nós. A marca que criámos para Beja resultou de estudo aprofundado, d a história, da cultura, d o património materi-

Acontece que uma cidade n ão é uma marca normal, no sentido comercial do termo aplicável aos produtos e serviços. Uma marca comercial é um “ser” imaginado d e acordo com a s intenções dos seus proprietários, no sentido de ir ao encontro das necessidades dos seus consumidores. Uma marca comercial inventa-se d o nada, a l-

uma nova energia para o futuro da região. A construção da “marca” de uma cidade n ão se trata d e um exercício de criatividade o u da procura da melhor ideia para mais uma campanha de promoção. Uma marca territorial, a marca Beja só terá sucesso, neste novo mundo competitivo, se for capaz de ser o

al e imaterial, d a conjugação das iniciativas públicas e privadas. Quisemos mostrar uma BEJA moderna, que estando segura d o seu passado quer agora abrir, d o alto d a sua Torre, a s suas 7 portas com vista para o futuro. Um futuro que nos traga a todos a prosperidade d e BEJA, uma grande marca.

tera-se por completo, reposiciona-se e , se necessário, descontinua-se e cria-se uma nova. Não é possível alterar a história de u m país d e uma região, d e uma cidade, nem a sua cultura, o u tão

reflexo contemporâneo mas genuíno da alma e da energia do seu povo. E alma é coisa que n ão falta aos Bejenses para afirmar a sua marca. Espero que gostem d o trabalho que

pouco a sua geografia, é apenas possível alterar a sua economia. Para além disso, somos todos s imultaneamente “donos” e “consumidores”. A marca d e uma cidade, como BEJA é um conjunto muito alargado de ideias, d e naturezas múltiplas que, n o seu agregado identitário, assumem uma forma una, h á mais de 2500 anos. Assim sendo, a marca Beja depende da energia de cada um dos Bejenses. Cada cidadão é um pilar dinâmico, funciona como um centro de produção de energia criativa individual que Carlos Coelho

Especialista em criação e gestão de marcas Presidente Ivity brand corp

BOLETIM MUNICIPAL 25


DE BEJA, UMA NOVA MARCA

CO-FINANCIADO

DE BEJA, UMA NOVA MARCA

Da muralha da história surge um símbolo, o símbolo de uma marca moderna, orgulhosa do seu passado,erguida sob uma torre de modernidade com vista para todos os futuros.

ELEMENTOS BASE PARA Os elementos evocam simbolos associadoas a Beja, tais como as A CONSTRUÇÃO DA IDENTIDADE torres, a história, a sua origem, o sentido de descoberta, o cosmopolitismo.

ELEMENTOS BASE PARA Encontrar o passado no futuro. Daqui surge a nova identidade A CONSTRUÇÃO DA IDENTIDADE visual de Beja. De uma cidade que se assume como plataforma giratória de pessoas, bens, serviços, ideias, valores, conhecimento e cultura. Aqui, o passado é simbolizado na ideia de torre/porta — o futuro são os novos caminhos para a cidade.

MURALHAS

7 PORTAS DA CIDADE

DE BEJA, NOVOS ÍCONES

26

CIDADE ABERTA AO MUNDO

Beja comunica com um sistema de ícones que ilustra as suas particularidades. Com ele conseguimos criar um sistema aberto onde cabem todas as representações, do património físico ao imaterial da cidade, bem como todas as iniciativas.


NOVO PORTAL DA CÂMARA MUNICIPAL DE BEJA www.cm-beja.pt A Câmara Municipal de Beja lançou no dia 26 de Junho um novo website. O endereço, já conhecido de todos, mantém-se em www.cm-beja.pt, mas são muitas as novidades ao nível da imagem, mas sobretudo da experiência e das novas funcionalidades . O novo portal permite ao visitante uma forma mais fácil de consultar informações do seu interesse. É que, além de ha-

bilheteira online COMPRE BILHETES PARA OS ESPETÁCULOS A PARTIR DE CASA

catálogo bibliográfico da biblioteca

ver vários caminhos para aceder a uma mesma informação, esta foi organizada de acordo com os hábitos de consulta ao site dos munícipes e visitantes, mas também dos empresários que poderão agora aceder a informação útil ao exercício da sua atividade através do Balcão do Empreendedor. Os serviços municipais são disponibilizados também online. Na prática, significa que

o munícipe pode, comodamente, dirigir-se ao balcão único do Município de forma virtual e aceder a um leque vasto de serviços. Mais apelativo e mais intuitivo, o novo site da Câmara Municipal de Beja, está ainda em versão beta, de modo a testar a plataforma. Envie as suas sugestões de melhoria para comunicacao@cm-beja.pt.

pagamentos por multibanco ENVIO DE SMS COM DADOS PARA PAGAMENTO

licenciamentos mais fáceis

a minha rua ESPAÇOS PÚBLICOS: REPORTE-NOS AS MAIS VARIADAS SITUAÇÕES

DISPONÍVEL ONLINE BOLETIM MUNICIPAL 27


TURISMO

NOVOS ROTEIROS DO PATRIMÓNIO DE BEJA Para este verão propusemos um programa de roteiros históricos pela cidade: Beja Antiga e Igrejas e Conventos de Beja. Duas vezes por semana fomos descobrir Beja. Os interessados encontraram-se no Posto de Turismo (castelo) e, pelo caminho, encontraram outros! O roteiro da Beja Antiga desafia-nos a descobrir os primórdios da cidade, através dos legados de várias épocas e ci-

vilizações que por cá passaram e deixarama sua marca, desde a Idade do Ferro até à época Medieval/ Cristã. Quem optou pelo roteiro das Igrejas e Conventos de Beja teve oportunidade de fazer uma viagem pela origem de algumas das igrejas e conventos ainda existentes na cidade, atravessando sete séculos de história. O Verão convida aos passeios pelo campo, por isso propusemos tam-

bém a descoberta da beleza que as nossas paisagens têm para oferecer com os Passeios na Natureza e os Passeios de Canoa nas Azenhas do Guadiana. E como já é habitual nas tardes de um sábado de cada mês, os Passeios de Beja levaramm-nos a descobrir alguns segredos da cidade. No próximo, junte-se a nós e venha descobrir!

BEJA LANÇA NOVO VÍDEO PROMOCIONAL DO CONCELHO De Beja, para o mundo, lançámos o novo vídeo promocional do concelho. O vídeo apresenta Beja, cidade e concelho, sob o olhar de uma jovem turista que se apaixona pela nossa cidade, pelas paisagens, pelo património, pela gastronomia e pela vida vivi-

28 BOLETIM MUNICIPAL

da que podemos oferecer a quem fica por cá. O pulsar da cidade é-nos apresentado por uma “Mariana do século XXI” que transforma a experiência da sua visita em poema e nos relembra Mariana Alcoforado com “promete-me que terás saudades minhas”. Um pedido de Beja

a quem nos visita, que convida a voltar a esta cidade com mais de 2000 anos de história e mil e uma estórias para contar. O vídeo foi produzido pela Magik Studios, uma empresa criada por dois jovens criativos de Beja.


MOVIMENTO ASSOCIATIVO

CÂMARA MUNICIPAL DE BEJA APOIA O MOVIMENTO ASSOCIATIVO 150 MIL EUROS PARA O APOIO À ATIVIDADE REGULAR A câmara Municipal de Beja, no âmbito da política de apoio ao Movimento Associativo, mesmo em tempos de dificuldades financeiras, aprovou para o apoio à atividade regular de Clubes e Associações um montante, que ascende a quantia de 150.000€. Estas verbas destinam-se ao apoio à atividade

regular das associações. Caso o Programa de Apoio à Economia Local não tivesse sido reprovado na Assembleia Municipal pelo PCP e o BE, o Município poderia dispor de um maior volume de receita que lhe permitiria aumentar o montante global a atribuir às Associações, e assim contribuir ainda mais

com a sua ajuda para ajudar ao trabalho destas na comunidade. Apesar de todas as dificuldades financeiras, a autarquia dá um claro sinal de reconhecimento da importância do Movimento Associativo para a dinâmica do concelho.

MAIS DE 126 MIL EUROS EM ISENÇÕES O Município de Beja fez um levantamento exaustivo de todas as isenções de pagamento de taxas/licenças municipais concedidas entre os anos de 2010 e 2012 às mais variadas entidades de cariz social, cultural e desportivo. Este relatório apresenta valores surpreendentes que revelam a dimensão do apoio que a autar-

quia dá às diversas atividades desenvolvidas pelo concelho. Importa realçar que entre 2010 e 2012 foram concedidas 1048 isenções, o que se traduz num valor total de 126.276,08 euros. Através destas isenções suportadas financeiramente pela a autarquia é possível a realização de um vasto número de eventos promovidos por As-

sociações Culturais, Sociais, Juvenis, Clubes Desportivos, Comissões de Festas, Clubes Recreativos, Freguesias, entre outras entidades. No corrente ano de 2013, já foram aprovadas 70 isenções (13.667,07 euros) pela autarquia, em prol da atividade cultural e social desenvolvida no concelho.

BOLETIM MUNICIPAL 29


MOVIMENTO ASSOCIATIVO

CÂMARA CONCEDE ANTIGA ESCOLA PARA ASSOCIAÇÕES

A Câmara Municipal de Beja concedeu novas instalações ao Coro de Câmara de Beja, Associação Habilitar Alentejo, Clube Cinófilo de Beja, Tuna

Universitária de Beja (masculina e feminina), na antiga Escola Primária do Bairro Nossa Senhora da Conceição. Este espaço irá agora ser interven-

cionado de modo a melhor poder acolher mais este conjunto de Associações.

AUTARQUIA ATRIBUI ESPAÇO PARA SEDIAR AS ASSOCIAÇÕES DISTRITAIS DE ATLETISMO E ANDEBOL A Câmara Municipal de Beja aprovou os protocolos e contratos de comodato de cedência de espaços municipais para sedes das associações de patinagem, atletismo e andebol. O edifício localiza-se no Bairro Social e anteriormente estava alugado à Associação de Futebol de Beja. São já superiores a duas de-

30 BOLETIM MUNICIPAL

zenas os espaços municipais cedidos, no atual mandato, a coletividades sociais, culturais e desportivas, como uma das formas da autarquia apoiar o movimento associativo, para além dos montantes elevados em termos de isenções e apoios financeiros para a atividade regular.


BEJA CAPITAL DA JUVENTUDE

BEJAFIXE

PROGRAMA DE INCENTIVOS PARA A FIXAÇÃO DE JOVENS EIXOS QUE NORTEIAM O PROGRAMA FIXE As diversas Medidas a desenvolver no Programa FIXE enquadram-se em 5 grandes Eixos de atuação e estão relacionados com: Instrumentos de participação Jovem Conselho e Fórum Municipal da Juventude, Semana Europeia da Democracia Local. Estímulo à participação inventiva, criativa e inovadora Conceção de projetos novos que estimulem a capacidade de participação e intervenção no desenvolvimento local

Incentivos à fixação de jovens Isenção ou redução de taxas e licenças municipais, descontos em serviços prestados pelo município e na utilização de equipamentos deste, apoio à inserção dos jovens no mercado de trabalho. Animação e Dinamização Participação em atividades formativas, desportivas, culturais e de lazer dinamizadas pela autarquia e outros eventos e propostos pelos jovens e pelo movimento associativo juvenil local. Intervenções no espaço urbano Recuperação de edifícios degradados, requalificação de espaços com novas valências direcionadas para a juventu-

de, criação de novos espaços para serem utilizados pelos jovem.

A CÂMARA MUNICIPAL DE BEJA TEM ESTADO A TRABALHAR NA CONCEPÇÃO DO “FIXE”, UM PROGRAMA COMPOSTO POR UM CONJUNTO DE MEDIDAS, DESTINADAS AOS JOVENS ATÉ 35 ANOS (INCLUSIVE), QUE VISA PROMOVER A FIXAÇÃO DE JOVENS NA CIDADE E NO CONCELHO, ATRAVÉS DE VÁRIOS INCENTIVOS, APOIOS E PROGRAMAS DE INTERVENÇÃO, ASSIM COMO MELHORAR E INCENTIVAR A PARTICIPAÇÃO DESTE SEGMENTO DA POPULAÇÃO NA VIDA DO CONCELHO.

CARTÃO JOVEM MUNICIPAL DE BEJA

O Município de Beja assinou um protocolo de colaboração com a Movijovem para a criação e implementação do Cartão Jovem Municipal. Têm acesso a este Cartão todos os jovens residentes no

concelho de Beja com idades compreendidas entre os 12 e os 29 anos de idade. Além das vantagens inerentes ao Cartão Jovem Nacional, serão criadas vantagens pelo Município no âmbito das suas atividades

e equipamentos e das parcerias efetuadas para o efeito com outras entidades locais. Haverá descontos no comércio local, em concertos, feiras, transportes, entre muitas outras ações.

BOLETIM MUNICIPAL 31


HIDROGINÁSTICA NA PISCINA

PISCINAS AO AR LIVRE

ATIVIDADES, ISENÇÕES E ANIMAÇÃO As Piscinas Municipais descobertas de Beja abriram portas ao público no dia 1 de Junho. Esta abertura, logo no início do mês, à semelhança do que aconteceu no ano passado, permitiu dar resposta à procura cada vez maior deste espaço de lazer da cidade. De modo a não interferir com o normal funcionamento do período lectivo, o Município optou por abrir as piscinas apenas aos fins-de-semana, mantendo em funcionamento a Piscina Coberta até ao dia 28 de junho. A partir do dia 15 de Junho, as portas abriram-se também durante os dias de semana. As piscinas de Beja, um espaço de lazer por excelência da nossa cidade, estarão abertas até meados de Setembro, nos moldes habituais, de terça-feira a domingo, das 9h00 até às 20h00. Nestes meses de Verão, a Câmara Municipal de

32 BOLETIM MUNICIPAL

Beja ofereceu às instituições e entidades, de caráter social e associativo, sem fins lucrativos, que desenvolvam a sua atividade no benefício exclusivo das populações e dos seus utentes, a possibilidade de isenção pagamento de acesso às Piscinas de Ar Livre. Assim, e de acordo com os pedidos recebidos, na Divisão de Desporto e já com processos administrativos devidamente instruídos, ficaram isentas de pagamento as seguintes entidades: Associação Sementes de Vida, Casa Pia de Beja, Cercibeja, Centro Infantil Coronel Sousa Tavares, Cruz Vermelha Portuguesa, Escoteiros de Portugal – Beja, Clube de Natação de Beja, Fundação Manuel Gerardo de Sousa e Castro e Associação CR Zona Azul.

No âmbito das atividades do programa Férias de Verão 2013, que decorreu em Agosto na Piscina Municipal Descoberta, foi promovida uma classe de hidroginástica. As aulas decorreram todas as 3ªs e 5ªas feiras, no horário 19h00-20h00. Os interessados puderam frequentar esta atividade, bastando para o efeito efetuar a inscrição gratuita na secretaria das piscinas, sendo apenas necessário o pagamento de acesso diário à piscina de acordo com as idades nos dias em que a mesma se desenvolve. Esta atividade teve acompanhamento certificado, numa parceria com a ACR Zona Azul.


PROGRAMA

FÉRIAS DE VERÃO 2013

A pensar nas férias de Verão dos mais novos, a Câmara Municipal de Beja promoveu um programa de dinamização das férias de verão. Em Julho, foram muitas e diversificadas as atividades para as crianças dos 6 aos 14 anos. O programa ofereceu aos participantes atividades físicas e desportivas como o baptismo de mergulho, o karaté e o badmington,

mas também jogos populares e tradicionais, equitação e caça ao tesouro. As crianças inscreveram-se por um valor de 40€ por quinzena e, por mais 28,5€, puderam almoçar nos 10 dias em que decorreu o programa. De segunda a sexta-feira, das 09h00 às 17h00, não faltaram atividades para os mais novos. Além deste programa, a Câmara Municipal de Beja organizou também ateliers temáticos no Museu Jorge Vieira, na Casa do Lago e na Biblioteca.

BOLETIM MUNICIPAL 33


EXPERIÊNCIAS A SUL 2013

VINIPAX & EXPERIÊNCIAS A SUL 4, 5 E 6 OUTUBRO PARQUE DE FEIRAS E EXPOSIÇÕES De 4 a 6 de Outubro, no Parque de Feiras e Exposições de Beja Reserve o primeiro fim-de-semana de Outubro para uma visita a Beja. Está de regresso o grande evento Experiências a Sul - Vinhos, Sabores e Sensações do Sul – que, à semelhança da edição anterior, promete animar a cidade de Beja com diferentes eventos e iniciativas. Destaque para sexta edição da Vinipax que

ORGANIZAÇÃO

34 BOLETIM MUNICIPAL

APOIO

conta com a representação de vinhos de referência das regiões do Alentejo, Algarve, Península de Setúbal e Tejo na presença dos seus produtores e especialistas da área. Mas também para a semana tauromáquica Beja Brava, Olivipax, Beja Gourmet, Beja Kids e muitas outras iniciativas, cujos programas irão sendo atualizados ao longo das próximas semanas.

CO-FINANCIAMENTO

São esperados milhares de visitantes que serão convidados a provar os melhores vinhos de algumas das mais emblemáticas regiões vitivinícolas portuguesas, os melhores azeites e pratos da nossa gastronomia, com muitas novidades pelo meio. De 4 a 6 de Outubro, no Parque de Feiras e Exposições de Beja. A não perder!


EXPERIÊNCIAS A SUL 2013

SHOWCASES GASTRONOMIA WORKSHOPS ANIMAÇÃO PARA A FAMÍLIA SABORES MEDITERRÂNICOS ESPETÁCULO E TRADIÇÃO OS MELHORES VINHOS E AZEITES

VINIPAX

OLIVIPAX

BEJA GOURMET

BEJA BRAVA

BEJA KIDS

BOLETIM MUNICIPAL 35


www.cm-beja.pt

BURLESCO&VAUDEVILLE

21 DE SETEMBRO

RODRIGO LEÃO

11 DE OUTUBRO

FESTIVAL DE JAZZ DE BEJA 13 A 16

DE NOVEMBRO

ANA MOURA

30 DE NOVEMBRO

FAÇA GOSTO 36 BOLETIM MUNICIPAL

facebook.com/camaramunicipaldebeja

Boletim municipal de beja nº7 | Setembro 2013  
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you