Jornal dos Bairros - 23 Dezembro 2022

Page 1

Feito para todas as classes Itajaí, 23 de dezembro de 2022 | Ano XXIV | N° 1.078 DOS Município vai atender quase quatro mil crianças no plantão de férias 2023 PÁGINA 5 PÁGINA 4 Itajaí segue crescendo e se torna a 28ª economia do Brasil O QUE ESPERAR DO BRASIL EM 2023? ARQUIVO PMI ARQUIVO PMI

Os sinais de Jorginho

Diferentemente de Lula da Silva, Jorginho Mello aproveitou o ato de diplomação, na segunda à noite, para fazer um discurso absolutamente preciso.

Enquanto o líder supremo da canhota nacional aproveitou o holofote da solenidade, no dia 12, para atacar o governo atual e também os brasileiros que não concordam com o processo eleitoral que culminou na eleição do ex-detento, Mello foi na linha da paz e do amor.

Lula classificou os manifestantes de fascistas. Oras, ele deveria ter feito um discurso apaziguador, pacificador, mas não, foi na direção diametralmente oposta, com sua tradicional verborragia ideológica, grotesca e vazia. Já o catarinense fez um discurso dos mais apropriados. E olha que Jorginho conquistou 70% dos votos em 30 de outubro. No contexto nacional, segundo as urnas, Lula fez 2 milhões de votos a mais do que Jair Bolsonaro. Não chegou a 2% do total dos sufrágios neste país. Mesmo assim, o governador diplomado falou que gostaria de governar para todos os catarinenses, inclusive aqueles que não o respaldaram. Claro que essa posição de Jorginho caiu bem. Inclusive entre seus adversários. Demonstrou humildade e a intenção de não ser revanchista. O governador contou o início de sua trajetória de vida humilde no Oeste catarinense.

Bolsonarismo

Mas não foi só o discurso de Jorginho, que também agradeceu muito a Bolsonaro por sua eleição, assim como o senador Jorge Seif. E não é para menos. Os dois e vários outros eleitos em outubro devem muito à liderança do presidente.

Quarteto

Os quatro que usaram a palavra na solenidade de segunda são do PL, partido do chefe da nação. Jorginho, Seif, Ana Campagnolo e Carol de Toni. Quarteto que deve muito ao presidente da República. Repetiu-se em 2022 o que já havia se verificado em 2018 em Santa Catarina. Só que de maneira mais superlativa.

Histórico

O PL fez barba, cabelo, bigode e ainda o cavanhaque. Obteve um resultado esplendoroso no estado. Jorginho Mello também foi muito oportuno ao falar sobre os desafios estruturais catarinenses, que ele conhece muito bem.

COLUNA PRISCO PARAÍSO

Perfis

Ana Campagnolo reafirmou seu discurso e posturas ideológicas, de direita, antifeminista e da defesa de pautas conservadoras. Carol De Toni surpreendeu e roubou a cena junto com o governador. Diante de magistrados, teve a cora gem de confrontar duas decisões do STF, daquela segunda-feira, que usurparam, novamente, atribuições do Congresso Nacional.

Congresso pra quê?

Gilmar Mendes, o notório, resolveu, numa canetada, em despacho absolutamente monocrático, que o Auxílio Brasil ficará fora do teto de gastos. Mais um ato político de uma suprema toga para ajudar o líder supremo do esquerdismo.

Companheiro Lewa

Já outro militante supremo, Ricardo Lewandowsky, deu um cavalo de pau em seu próprio posicionamento para tornar inconstitucional as emendas de relator ou o Orçamento Secreto.

Destino selado

Decisão que enfraquece politicamente Arthur Lira, que estava ávido por cargos no governo que deve assumir em janeiro. O Congresso está de joelhos e fazendo um papelão. Meramente figurativo. Tudo dentro do script esquerdopata de nos encaminhar para uma gigantesca Venezuela.

De ponta

O governador diplomado, Jorginho Mello, segue surpreendendo na formação de seu secretariado. Além da primeira leva de 11 nomes já anunciados, todos muito bem aceitos, nesta semana veio o anúncio de Alice Kuerten para a Secretaria da Ação Social, Mulher e Família. Jorginho não poderia ter encontrado nome mais credenciado. Trata-se de uma mulher com enorme experiência no voluntariado, além de ter ajudado a criar o Instituto Guga Kuerten, entidade que leva o nome de seu filho. Guga, registre-se, foi um desportista de categoria mundial, conhecido e reconhecido, também, por sua simplicidade e humanidade. Dona Alice Kuerten é praticamente uma unanimidade. Estamos falando de uma família de boa cepa, da Capital, respeitada e conceituada. Foi um golaço do governador. Alice perdeu o marido muito cedo e teve a missão, muito bem sucedida, de criar os filhos depois da morte precoce de Aldo Kuerten.

Da área

Na Comunicação, o nome escolhido pelo governador foi João Evaristo Debiasi. É dono de um currículo invejável, profissional qualificado. Debiasi já atuou na mesma função na gestão de Raimundo Colombo. Antes de acei-

Diretor: Carlos Bittencourt | carlos@bteditora.com.br 47 - 9 8405.8777

Diagramação: Solange Maria Pereira Alves (0005254/SC) solange@bteditora.com.br

Departamento Comercial: (47) 3344.8600

Impressão: Gráfica Soller

O Jornal do Bairros é uma publicação da empresa Letras

Editora Ltda. (ME), com sede na Rua Anita Garibaldi, 425 Centro – Itajaí –SC. CNPJ: 03.334.705/0001-33

Telefone: (47) 3344.8600

Site: www.jornaldosbairros.tv

tar o desafio de voltar a Santa Catarina, o futuro titular da Comunicação conversou com o governador do Paraná, Ratinho Júnior, de quem é secretário da mesma pasta desde março de 2020.

Partidão

Pois muito bem. Dito isso, também não podemos deixar de pontuar que o PL vai tentando se ajeitar neste cenário. Alguns nomes agradam ao partido aqui no Estado, outros nem tanto.

Caneladas

No contexto federal, as alfinetadas já começaram. O senador eleito por Santa Catarina, Jorge Seif, fez uma postagem um tanto enigmática esta semana.

Traidores?

Declarou, nas entrelinhas, que pode haver “bolsonaristas” traindo a causa. Seif, registre-se, esteve em Brasília nos últimos dias articulando em favor da candidatura de Rogério Marinho para a presidência do Senado.

Indignado

A interlocutores, o catarinense transpareceu uma boa dose de decepção ante o cenário encontrado na Câmara Alta. Deixou claro que eleitos na onda Bolsonaro de 2022 podem já estar na trincheira petista para reeleger Rodrigo Pacheco.

Dureza

O jogo é bruto. Não seria surpresa. Basta lembrar de Moisés da Silva, eleito em 2018 para o cargo máximo do Estado surfando a onda bolsonarista daquela eleição. Ato contínuo, o catarinense tomou outro rumo logo depois da eleição daquele ano.

Custou caro

Mas pagou um preço. Assim como foi eleito pela força do presidente há quatro anos, ele agora foi apeado do poder pelo mesmo movimento político, que tem grande penetração social.

Oposição

Moisés, aliás, já se movimenta para fortalecer o grupo que fará oposição a Jorginho Mello a partir de janeiro.

Costura

Ao assumir a presidência do Republicanos, o ainda governador estará se alinhando a segmentos políticos que visam a lançar o prefeito de Chapecó, João Rodrigues, como candidato a governador em 2026.

Bloco

Moisés passará a pilotar a sigla em março de 2023. O mesmo grupo de apoio a Rodrigues se articula para assumir a presidência da Assembleia Legislativa no ano que vem. A conferir os desdobramentos.

Circulação: Itajaí, Balneário Camboriú, Navegantes e região. Fale conosco: Sugestão de temas, opiniões ou dúvidas: carlos@bteditora.com.br | jornalismo@jornaldosbairros.tv

O Jornal dos Bairros não se responsabiliza pelos artigos assinados pelos seus colaboradores ou de matérias oriundas de assessorias de imprensa de órgãos oficiais ou empresas particulares.

Jornal filiado à Associação dos Jornais do Interior de Santa Catarina Rua Adolfo Melo, 38, Sala 901, Centro, Florianópolis, CEP 88.015-090 Fone (48) 3029.7001 e-mail: adjorisc@adjorisc.com.br

WWW.JORNALDOSBAIRROS.TV 2 Ano XXIV - edição 1.078 - 23 de dezembro de 2022

Que Brasil teremos em

Depois da aprovação da PEC da gastança pelo Congresso Nacional, que dá ao novo governo a liberdade para gastar em torno de 200 bilhões de reais acima do gasto de teto, não é difícil prever que Brasil teremos a partir de 2023: um país com as finanças descontroladas, uma inflação alta, fuga de capital estrangeiro e, ao contrário do que diz o futuro governo, o povo sem poder de compra.

Além disso, temos o problema do desequilíbrio das instituições democráticas, onde apenas uma, o STF, está fazendo o papel de todas: julgando, legislando e executando. Decisões monocráticas que vão contra direitos básicos garantidos na constituição.

Veja o que dizem alguns economistas e analistas políticos sobre o que esperar do Brasil em 2023 na área econômica e política.

Prisco Paraíso: O cenário para 2023 no plano nacional é absolutamente desafiador, uma vez que houve uma escolha de volta ao passado. Por mais que o presente não estivesse esplendoroso, mas a economia de uma maneira geral está muito bem, apesar da pandemia, apesar da guerra, apesar da crise na Europa. Os movimentos do futuro governo mostra que essa volta ao passado é ameaçadora. Será o “estouro da boiada” em termos de gasto. Desde que foi proclamado presidente, o Lula levou empresas a perderem valor de mercado que chegam a 200 bilhões de reais. Sem falar que a aprovação da PEC da gastança vai dar um prejuízo de quase um trilhão de reais. Isso não pode dar certo. As perspectivas são as mais desanimadoras possíveis. Esse é um sentimento não só do poder produtivo e mercado financeiro, como também da sociedade civil que tem juízo, presta atenção e observa que este governo começou muito mal mais antes de tomar posse.

Maison da Nóbrega: As perspectivas não são nada animadoras. Primeiro o Lula tem que parar de falar em questões econômicas, porque ele está derrubando o mercado. Esse negócio de dizer que gasto é investimento é uma estupidez completa. O gasto é gasto em qualquer situação. Controlar o gasto tem a ver com a estabilidade fiscal e essa é fundamental para estabilizar a macro econômica, que por sua vez é essencial para manter a inflação sob controle. Inflação fora do controle prejudica essencialmente os pobres que não têm como se defender.

Ricardo Amorim: Estamos todos no mesmo Brasil. Se queremos mais recursos para projetos sociais, investimentos em infraestrutura, segurança pública, saúde e educação não só no ano que vem, mas sempre, precisamos fortalecer a confiança na economia brasileira. Por isso, equilíbrio fiscal é tão importante.

Um mercado mais forte, com empresários e consumidores mais confiantes significa uma vida melhor para todos os brasileiros, com mais empregos, salários mais altos, mais consumo, mais recursos para projetos sociais e melhor qualidade de vida. Todos ganham. Ganham trabalhadores, ganham empresários, ganham os mais necessitados.

Em resumo, o mercado somos nós, todos nós e o objetivo de qualquer governo tem de ser propiciar uma vida melhor para todos os brasileiros, cuidando com todo o carinho tanto da parte social quanto da economia.

Marcel van Hattem - Lula, PT e Centrão fizeram barba, cabelo e bigode na Câmara: furo no teto, fim do teto, aumentos salariais pra todo mundo, emendas inflacionadas para deputados e senadores e 23 bi de bônus fora do teto também neste ano. Lutamos muito, mas perdemos todas. Pobre Brasil!

Confiança do empresário caiu em 19 de 29 setores da indústria em dezembro

Aconfiança da indústria caiu em 19 dos 29 setores industriais, três regiões do Brasil e em todos os portes de empresa industrial na passagem de novembro para dezembro de 2022. Os dados são do Índice de Confiança do Empresário Industrial (ICEI) – resultados setoriais, da Confederação Nacional da Indústria (CNI). Foram consultadas 2.033 empresas, sendo 803 de pequeno porte, 737 de médio porte e 493 de grande porte, entre 1º e 12 de dezembro.

De acordo com o gerente de Análise Econômica da CNI, Marcelo Azevedo, a avaliação negativa dos empresários acerca da economia brasileira afetou a confiança em dezembro. “A maioria dos setores segue avaliando positivamente o estado atual e futuro das próprias empresas, mas a maioria avalia negativamente o estado atual e futuro da economia brasileira.

O ICEI é a média ponderada desses dois componentes. Por isso, 18 setores seguem confiantes e 11 setores encerram o ano pessimistas, principalmente em relação a economia”, explica o economista.

A confiança do setor industrial recuou nas regiões Sudeste, Norte e Sul do Brasil e se manteve inalterada nas regiões Nordeste e Centro-Oeste. O índice de confiança da região Sudeste recuou de 51,3 pontos, em novembro, para 49 pontos, em dezembro, atravessando a linha divisória dos 50 pontos e, portanto, demonstrando a transição de um estado de confiança para um estado de falta de confiança.

Além do Sudeste, empresários da região Sul também demonstram falta de confiança (desde novembro empresários da região Sul já mostravam falta de confiança).

WWW.JORNALDOSBAIRROS.TV 3 Ano XXIV - edição 1.078 - 23 de dezembro de 2022
2023?
O ICEI mostra que, neste mês, 11 de 29 setores industriais e duas regiões do Brasil passaram a demonstrar falta de confiança na economia do país Agência de Notícias da Indústria Aluguel de Casa Comercial  Excelente localização: Esquina da rua Anita Garibaldi com a rua Uruguai  Fica de frente para todo o fluxo de veículos que vai do centro para os bairros. Ótimo para empresas ou comércios que precisam ser visualizados.  Rua do Colégio Unificado, próximo ao Colégio Adventista.  Tamanho total em torno de 350 m2, com área no primeiro e segundo andar.  Energia elétrica total fotovoltaica. Ar condicionado em todos os ambientes.  Alguns ambientes já tem móveis, cozinha montada. Interessados entrar em contato via Whatsapp pelo número 47 - 9 8405-8777

Diretoria e conselhos da ACII se reúnem para noite de confraternização

Em comemoração ao final do ano de 2022, a Associação Empresarial de Itajaí- ACII promoveu na noite de quarta-feira, 14/12, a confraternização da diretoria e conselhos fiscal, deliberativo e consultivo.

Durante o evento, que aconteceu no Restaurante Zephir, na Marina Itajaí, a presidente da instituição, Gabriela Kelm, fez um discurso onde falou sobre o ano de 2022, os desafios e as conquistas que a diretoria, conselhos e os núcleos realizaram.

O primeiro a receber a lembrança especial da presidente foi Mário César dos Santos, ex-presidente da associação e hoje conselheiro consultivo da ACII. Gabriela, agradeceu aos ensinamentos e conselhos repassados por Mário César a ela.

Finalizamos o ano com a certeza de dever cumprido, mas sabendo que temos muito mais a ser realizado em 2023! Nossos planejamentos para o próximo ano já iniciaram e muitas coisas boas vem por aí, aguardem!

Aos nossos associados e nucleados um Feliz Natal e um novo ano muito próspero!

Município vai atender quase quatro mil crianças no plantão de férias 2023

Atendimentos ocorrerão de 02 a 31 de janeiro em 50 unidades credenciadas

OMunicípio de Itajaí, por meio da Secretaria de Educação, vai atender 3.599 crianças, do Berçário ao Jardim II, no plantão de férias 2023. Durante o período de 02 a 31 de janeiro, os atendimentos serão realizados em 50 unidades credenciadas da Educação Infantil, da Rede Municipal de Ensino.

A equipe gestora do Centro de Educação Infantil (CEI) em que a criança esteve matriculada no ano letivo regular de 2022, deverá acessar o sistema na aba Plantão de Férias e verificar a unidade para onde o aluno foi deferido. As informações, como o endereço da unidade credenciada, por exemplo, devem ser repassadas para as famílias, de hoje (19) até quarta-feira (21).

“Mais uma vez, o departamento de educação infantil organizou esse atendimento, para aquelas crianças, cujas famílias ou responsáveis trabalham durante o mês de janeiro. O edital das matrículas para o plantão de férias foi

amplamente divulgado e o período de inscrições já encerrou no dia 30 de novembro”,

Estudantes voltam às aulas em 09 de fevereiro

Já as aulas regulares, para os 40 mil estudantes da Rede Municipal de Ensino, começam em 09 de fevereiro de 2023. A Secretaria de Educação, junto ao Conselho Municipal de Educação de Itajaí (COMEDI) aprovou o calendário escolar para todo o próximo ano letivo. No documento constam dia de início e final de semestre e ano letivo, recesso escolar, datas de pré conselho de classe, reuniões pedagógicas, conselhos de classe e 4ª avaliação. Para ter acesso aos documentos do ensino regular e da Educação de Jovens e Adultos, é só fazer o download no final desta matéria.

Marcelo Werner (PSC) é reeleito presidente da Câmara de Vereadores de Itajaí

A Câmara de Vereadores de Itajaí realizou na terça-feira (20) a 88ª Sessão Ordinária, última do ano de 2022. Após a discussão e aprovação dos requerimentos e projetos de lei, foi realizada a eleição da Mesa Diretora para o biênio 20232024. A atual Mesa Diretora foi reeleita para mais dois anos de gestão.

A chapa Palavra e Transparência foi a única inscrita e recebeu 16 votos favoráveis e uma abstenção. Além de Marcelo Werner (PSC) - presidente, a Mesa Diretora conta com os vereadores Rubens Angioletti – vice-presidente; Odivan Linhares Mamão (PSB) – 1º secretário; e Otto L. Quintino Jr. (Republicanos) – 2º Secretário.

WWW.JORNALDOSBAIRROS.TV 4 Ano XXIV - edição 1.078 - 23 de dezembro de 2022
explicou a diretora do departamento de educação infantil, Kandy Regina Pereira.
Diretora conta ainda com Rubens Angioletti, Odivan Linhares Mamão (PSB) e Otto L. Quintino Jr.(Republicanos).
Mesa
Foto: Fabricia Prado / CVI
DIVULGAÇÃO PMI

Itajaí segue crescendo e se torna a 28ª economia do Brasil

Aforça da economia e do povo itajaiense deu mais uma prova de sua vitalidade, mesmo sob impacto da pandemia de Covid-19. O Município subiu seis posições no ranking nacional do Produto Interno Bruto (PIB) de 2020 e tornou-se a 28ª maior economia do Brasil. Itajaí também foi a quinta cidade do país e a primeira de Santa Catarina que mais cresceu no período, com acréscimo de 0,4 pontos percentuais. Ao todo, o Município gerou R$ 33.084.145.000,00 em riquezas, o que representa quase R$5 bilhões a mais do que em 2019.

Os dados do PIB de 2020 foram divulgados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) na última sexta-feira (16). Além do crescimento significativo no ranking geral, Itajaí se manteve como a segunda maior economia de Santa Catarina, atrás apenas de Joinville. A diferença na geração de riquezas entre as duas cidades diminuiu em relação a 2019 e foi de R$ 3,3 bilhões. “Os dados do PIB mostram que, mesmo sob forte impacto do primeiro

ano da pandemia, trabalhamos muito, cuidando das pessoas e dos trabalhos, tanto que nossa economia seguiu forte e foi a quinta que mais cresceu em todo país. Acredito que a diversificação da economia de Itajaí também é um fator que impulsiona a geração de riquezas, temos o Porto, a pesca, a construção naval, a crescente construção civil e o turismo. Tudo isso se reflete em uma melhor qualidade de vida para os itajaienses”, destaca o prefeito de Itajaí, Volnei Morastoni.

Os dados do PIB per capita de Itajaí também cresceram 15% em 2020 na comparação com o ano anterior. A cidade gerou R$ 148.284,92 por habitante e foi a segunda colocada no ranking estadual, atrás de Piratuba. O cálculo do PIB per capita dos municípios utiliza a população residente estimada em 1º de julho de 2020.

A expectativa é de mais crescimento nos próximos anos. O Município tem previstos mais de R$ 1,5 bilhão em investimentos para novas obras de infraestrutura, que deve impulsionar ainda mais

a economia, a geração de empregos e a qualidade de vida da população.

“É extremamente importante pra nós, num período de muitas mudanças, nos mantermos em constante evolução no ranking do PIB e chegarmos a posto de 28ª maior cidade do Brasil. Devemos nos

Toda eficiência será castigada

No debate sobre o descompasso entre os recursos enviados por Santa Catarina a Brasília e o retorno que o estado recebe da União, fica um sentimento que pode ser resumido parafraseando a peça de Nelson Rodrigues, que intitula este artigo. Resultado do trabalho e esforço dos catarinenses, os indicadores sociais diferenciados do estado, fazem com que ele seja “punido” com uma contrapartida inferior na divisão da arrecadação nacional. É uma injustiça contra a qual seguiremos nos insurgindo.

Mas, para além disso, temos que ter em mente que o sucesso do presente não garante um futuro promissor. SC, em especial o novo governo, precisa atentar para uma série de alertas eloquentes que deixam claro que, para nos mantermos no topo, precisamos nos mobilizar e colocar em prática novas estratégias. Há muito tempo a FIESC chama atenção, insistentemente, para a necessidade de superar os gargalos da infraestrutura, pré-condição para a competitividade. Nossas rodovias precárias, problemas no fornecimento de energia e a constrangedora cobertura de saneamento destoam de Santa Catarina.

Tem mais: uma série de outros indicadores preci-

sam de mais atenção, a começar pelo capital humano, fator-chave numa economia em que o conhecimento e a inovação se transformaram nos diferenciais mais significativos. Há exceções, mas entre 2007 e 2019, o desempenho dos estudantes catarinenses de ensino médio ficou estagnado e decaímos do topo do ranking para a 18ª posição, enquanto Pernambuco, Ceará e Piauí apresentaram grande avanço na qualidade da educação básica.

Outros sinais amarelos se acenderam. No ranking da inovação, em que ocupávamos a 2ª posição, caímos para a 4ª, agora atrás de RJ e RS. No índice Gini, que mede a distribuição das riquezas, o PR nos ultrapassou e alcançou o melhor resultado da região Sul.

Estes são alguns dos desafios postos ao governo do estado e aos nossos representantes nos Legislativos estadual e federal. Estamos convictos de que temos todas as condições de suplantar qualquer adversidade e colocamos a FIESC à disposição para contribuir na elaboração e execução das estratégias necessárias para fazer frente a essa realidade. A história prova que temos todas as condições para isso, pois a alma empreendedora é o maior patrimônio do catarinense, que é exemplo de resiliência, coragem e protagonismo.

orgulhar muito também dessa quinta colocação em crescimento nacional, é algo que temos percebido no nosso dia a dia e que acreditamos que vai seguir refletindo ao longo dos anos”, afirma o secretário de Desenvolvimento Econômico de Itajaí, Thiago Morastoni.

Publique seus Editais legais no Jornal dos Bairros

O Jornal dos Bairros está com preços promocionais para publicações de Editais Legais. Ligue ou mande mensagem por WhatSapp para 47 - 9 8405.8777.

O Jornal circula nos principais municípios da região da AMFRI.

WWW.JORNALDOSBAIRROS.TV 5 Ano XXIV - edição 1.078 - 23 de dezembro de 2022
Município também foi o quinto do país que mais subiu no ranking do Produto Interno Bruto (PIB) Mario Cezar de Aguiar, presidente da FIESC (gabinete@fiesc.com.br) MARCOS PORTO
WWW.JORNALDOSBAIRROS.TV 6 Ano XXIV - edição 1.078 - 23 de dezembro de 2022

Neide Uriarte

Destaque da Coluna:

Vinícius Rebello Pereira

Beijinhos especiais para o mini leitor da coluna, Vinícius Rebello Pereira. Ele é filho de Mariana Rebello Pereira e Fábio Pereira. Ele é uma graça, muito esperto e simpático! A foto foi enviada pelo avô coruja, Carlos César Pereira.

Mauricélia

Foi

“CEI

Nascimento”. A creche fica localizada na Avenida Ministro Luiz Gallotti, no Bairro Cidade Nova. As crianças amaram a presença do Papai Noel e sua comitiva e fizeram muitas fotos com eles.

Aniversário de Joana Leu

No dia 14 de dezembro a Cerimonialista Joana Leu comemorou aniversário. Quero te desejar um feliz aniversário, um feliz dia, uma feliz vida. Que todos os seus desejos se concretizem e que você tenha muita sabedoria para lidar com as adversidades da vida, além de, é claro, muita saúde, que é o principal. Continue sendo essa pessoa tão generosa, doce, amiga e genuína que você é, pois é assim que você vai conquistar muitas coisas! Conte sempre comigo e parabéns!

Seja sócio de uma rede do bem

O ano ainda não acabou e sempre há oportunidade de transformar a sua vida e a vida do próximo. Por isso, a Associação Madre Teresa - (AMT), lançou essa campanha com objetivo de incentivar as pessoas a se tornarem sócias dessa rede do bem. Com menos de R$1,00 por dia você contribui para arrecadação de recursos e manutenção para o Hospital

Marieta Konder Bornhausen.

Visita ilustre no Itamirim Clube de Campo

O famoso cantor Vitor Kley visitou o Itamirim Clube de Campo, onde seu pai, Ivan Kley é treinador de tênis da ADK Tennis. Vitor Kley aproveitou para passar na Cafeteria Itamirim, onde abraçou o amigo Ademir. Vitor Kley, muito simpático e amável, ainda bateu fotos com associados e deu autógrafos.

Caravana do Noel vai circular pela última vez nesta sexta-feira

O Natal EnCanto de Itajaí estenderá a programação por mais um dia e ampliará as rotas de circulação da Caravana do Noel, para atender os bairros que estavam na rota de circulação de domingo (18), segunda (19) e terça-feira (20) e foram canceladas por causa da chuva. O veículo do Bom Velhinho tem saída marcada para esta sexta-feira (23) às 17h e percorrerá Imaruí, Espinheiros, Santa Regina e Portal.

Aniversário da Sra. Neide Benevenutti

Nossos cumprimentos à Sra. Neide Benevenutti, que comemorou seus 70 anos de vida, no dia 20 de dezembro de 2022. Que a esperança, a alegria de viver, a paz e a saúde sejam dádivas renovadas em sua vida hoje e se estendam por todo o ano!

Mensagem de Natal

Feliz Natal para vocês, meus queridos amigos e leitores, que sempre aquecem meu coração e alegram minha vida! Que o ano de 2023 seja repleto de: amor, paz, saúde, alegrias e prosperidade!

Acesse o nosso site https://amigosmadreteresa. com.br/ e saiba mais sobre o projeto!

WWW.JORNALDOSBAIRROS.TV 7 Ano XXIV - edição 1.078 - 23 de dezembro de 2022
neidefestas@matrix.com.br Neide
(47)9977.2390
Pasold Uriarte
Festa de Natal do CEI Professora André do Nascimento realizada no dia 09 de dezembro de 2022, a Festa de Natal do Professora Mauricélia André do
WWW.JORNALDOSBAIRROS.TV 8 Ano XXIV - edição 1.078 - 23 de dezembro de 2022 Ceia de Natal e final de ano é com a Passion Cuisine Faça a encomenda pelo fone (47) 9 9902.2247 Marcos Porto