Page 1

5

VIVER BEM ABRIL / JUNHO 2014

www.viverbem.eu | www.facebook.com/magazineviverbem

0171/05/2014

saúde para dar e receber powered by:

Diga adeus às alergias!

Divisão Consumer Health

São José Correia

Espírito livre e apaixonado Peregrinações

Caminhar até Fátima


powered by:

Divisão Consumer Health

VIVER BEM saúde para dar e receber

A estação das flores Chegou a primavera, a estação mais amena, a estação das flores. E quem sofre de alergias sabe bem o que a primavera traz consigo: são os espirros de um lado, as comichões de outro, a necessidade de ter o lenço de papel sempre à mão. Mas não deixe que as alergias levem a melhor e lhe retirem qualidade de vida. Nesta edição, a Viver Bem dá-lhe alguns conselhos e truques para pôr em prática no seu dia-a-dia para o ajudar a aproveitar em pleno esta estação do ano. Os pólenes não são os melhores amigos de quem sofre de alergias, por isso tente afastar-se deles. Ao andar na rua, não se esqueça dos óculos de sol, para proteger os olhos; troque uma corrida ao ar livre por uma aula de ginásio; feche os vidros do carro, especialmente se circular em zonas de vegetação. E sabia que é na infância que normalmente surgem as alergias respiratórias? É dentro de casa que muitas vezes se concentram os ácaros, os organismos que se encontram em almofadas, tapetes, colchões e nos peluches das crianças, e que são uma das causas mais frequentes das alergias. Consulte a página 8 para saber como pode ter uma casa livre de alergénios e como identificar e tratar os sintomas alérgicos das crianças. É também na primavera que o tempo convida a passear ao ar livre e a fazer caminhadas. Maio é o mês típico das peregrinações e, por isso, a Viver Bem preparou, neste número, um conjunto de dicas e recomendações para todos aqueles que fazem o seu trajeto até Fátima, de forma a tornar o seu percurso menos cansativo. E se está a começar a planear as suas férias de verão, e a escolher o seu destino de eleição, saiba que deve tomar alguns cuidados especiais ao viajar para certos países. Lembre-se sempre, não beba água que não seja engarrafada, não compre refeições à venda nas bancas de rua nem consuma alimentos crus. Assim já é meio caminho para evitar que o seu sistema digestivo sofra e se queixe.

+ VITALIDADE 4 KEEPMOVING

6

RESPIRAR MELHOR 8 EM FORMA COM... DICAS ÚTEIS

10

12

PRODUTOS 14 www.viverbem.eu

3


SINTOMAS ALÉRGICOS São uma reação exagerada do sistema imunitário que traduz a existência de anticorpos contra alergénios com que contactamos habitualmente (como os ácaros ou os pólenes, por exemplo).

+ VITALIDADE

exposição ao pólen

Primavera, a estação das alergias Quando os dias começam a ficar maiores e mais luminosos, quando os campos e espaços verdes se começam a encher de flores, e as temperaturas mais amenas contribuem para elevar o nosso humor sabemos que estamos na primavera. Mas é também na primavera que quem sofre de alergias vê os sintomas aumentar. Chegam os espirros, as comichões (na pele, no nariz, nos olhos, na garganta…), os olhos ficam vermelhos, o nariz começa a pingar. Estes são sintomas clássicos das manifestações alérgicas, que tanto podem ser do aparelho respiratório (asma e rinite alérgica), como dos olhos (conjuntivite alérgica) ou da pele (urticária e eczema). Os sintomas alérgicos são uma reação exagerada do sistema imunitário que traduz a existência de anticorpos contra alergénios com que contactamos habitualmente (como os ácaros ou os pólenes, por exemplo). Durante a primavera, a exposição aos pólenes é a causa mais frequente das alergias. Mas estes não são os únicos causadores de alergias, a exposição ao fumo de tabaco ou o contacto com ácaros também são outros fatores a ter em conta.

4

www.viverbem.eu

Se sofre destes sintomas, que acabam por retirar qualidade de vida, aconselhe-se junto de um profissional de saúde, o qual irá efetuar o respectivo diagnóstico e lhe irá indicar o tratamento mais adequado a cada situação. Verá que é possível atenuar os sintomas das alergias e não deixar que estas lhe retirem o prazer de poder desfrutar em pleno tudo o que a primavera traz de bom. O aumento do número de horas de sol, a redução da chuva e a subida da temperatura são propícios à prática de atividades ao ar livre tão benéficas para a nossa saúde e bem-estar físico e mental.


AUÇÕES E AP P I T E A R I M AV E

TO M E A L G U . . . MA ...

VE

Par a evitar o contacto com o a lergénio, existem a lgu m as medidas de prev enção qu e pode ter em conta

Durante a época polínica, troque o exercício físico no exterior por uma ida ao ginásio. Assim evita a exposição aos pólenes que andam no ar

RA

......

........ . . . .

2

1

RO

S

EC PR

3 Se estiver vento, não passeie junto a jardins e parques, pois vai ficar em contacto direto com os pólenes

Na rua, use óculos escuros, especialmente se as manifestações alérgicas se verificarem ao nível dos olhos

4 Não tenha flores polinizadoras em casa

5 Feche os vidros do carro ao circular, especialmente se estiver em zonas com mais vegetação

6

7 No período primavera-verão, passe o seu tempo livre à beira-mar, local onde, devido à humidade natural, há menor concentração de pólenes na atmosfera

Aproveite a maior humidade existente na atmosfera após o pôr-do-sol para, a partir dessa altura, arejar a sua casa

www.viverbem.eu

5


KEEPMOVING

a peregrinação

COMEÇA COM O PRIMEIRO PASSO Maio é sinónimo de bom tempo, caminhadas ao ar livre e também, para muitos portugueses, mês de peregrinação. Milhares de pessoas vindas de todo o país percorrem, na primeira quinzena de maio, os caminhos que têm Fátima como destino. Esta peregrinação é muito intensa, são muitos quilómetros para pouco descanso e o seu corpo pode não reagir bem. Os membros inferiores são a parte do corpo mais afetada, nomeadamente os pés e as pernas. Lesões graves como entorses e ruturas de ligamentos impedem que possa prosseguir com a sua caminhada. De modo a preparar a sua condição física para esta grande caminhada, comece a fazer caminhadas leves diariamente, aumentando gradualmente a intensidade e a duração dos treinos. O ideal seria andar pelo menos duas horas seguidas sem apresentar qualquer sinal de cansaço, seja em termos de variações na frequência cardíaca ou na respiração e assim estaria preparado para a grande caminhada.

6

www.viverbem.eu

Uma das atenções que tem de ter quando iniciar a peregrinação é o seu calçado e tudo o que envolve os seus pés. Use os mesmos sapatos e meias tanto para os treinos como para a peregrinação. De preferência use meias de microfibra (o algodão conserva o suor do pé, o que leva ao aparecimento de feridas ou bolhas). Tenha cuidado também se vai comprar sapatos novos nas lojas especializadas. Não compre calçado que esteja justo já na loja, os seus pés durante a caminhada vão inchar muito devido ao efeito do calor. As palmilhas são uma solução para se sentir mais confortável dentro do sapato, mas se as for comprar, tenha atenção à qualidade. Mais vale gastar mais dinheiro e evitar o desconforto.

Para chegar depressa e bem ao seu destino há que ter cuidados redobrados nas caminhadas de peregrinação. A sua saúde vem em primeiro lugar. >Prepare a sua condição física antes da peregrinação, com caminhadas regulares semanas antes da partida. >Use meias de algodão, sem costura e do avesso. >Use sapatos que já tenha usado antes e que sejam confortáveis, mas não demasiado velhos e gastos. O seu pé precisa de apoio para suportar bem o peso corporal. >Prefira roupa larga e de algodão, não use tecidos sintéticos. >Traga sempre consigo uma garrafa de água e, eventualmente, frutos secos e açúcar para evitar episódios de hipoglicemia (falta de açúcar no sangue).


MAPA DE APOIOS AOS PEREGRINOS – OPERAÇÃO FÁTIMA’14 Para mais informações consulte o documento “Calendário e Tipo de Assistência ao Peregrino – 2014”

APOIOS FIXOS A NORTE DE FÁTIMA

1 Marinhas – EN13, Instalações fixas da CVP 2 Póvoa do Varzim – EN13, Praça Marquês do Pombal, 3 Vila do Conde – EN13, Lugar de Pereira, freguesia Vilar 4 Sto. Tirso - Freguesia de Sta. Cristina do Couto 5 Maia – EN14 Mercado do Castelo em Maia 6 Sanguedo – EN1 Lourosa 7Fermedo – Cruz da Eira (Castelo de Paiva) 8 S. João da Madeira - Rua Oliveira Júnior, N.º 289, 9 Cucujães - Faria de Cima 10 Oliveira de Azeméis – Rua da Cruz Vermelha 11 Águeda – Av. Calouste Gulbenkian - Borralha 12 Cúria/Anadia - EN1 12 Mealhada – IC2 Junto ao Posto Turístico 14 Penacova, Carvoeira EN 2 junto à ponte de Penacova 15 Coimbra - Av. Fernão de Magalhães, 16 Condeixa, Sangardão 17 Redinha - IC2 –15Km a norte do Pombal 18 Maiorca - Bom Sucesso 19 Carapinheira, Instalações CVP - Rua das Escolas, n.º 2 20 Figueira da Foz, S. Pedro, EN109 Cova da Gala 21 Quiaios, Ervedal – EN109, junto ao troço da A17 22Cruzamento Foz do Sabor / Torre de Moncorvo 23 Torre de Moncorvo EN102 24 Pocinho 25 Vila Nova de Foz Côa 26 Cruzamento de Longroiva (Vale de Talhadas) EN104 27 Cruzamento da Barreira (Meda) EN102 28 Chafariz do Vento – EN102 com a EN226 29 Celorico da Beira – Estação Ferroviária 30 Carrapichana – EN17 31 Pinhanços, frente ao restaurante “Mira Neve” 32 Torrozelo – EN17 ao Km 88 33 Viseu - EN2 saída de Viseu para Tondela 34 Quartel dos Bombeiros da Sertã 35 Quartel Bombeiros de Cernache de Bonjardim 36 Junta de Freguesia de Sobreira – Formosa 37 Quartel Bombeiros de Proença-A-Nova 38 Chão de Maçãs, Vale-dos-Ovos, Gare de Fátima

Caminhos de Fátima São muitos caminhos pelos quais se chega a Fátima. Os principais são os que estão ligados aos concelhos de Lisboa, Aveiro, Porto, Bragança e Castelo Branco. Se quiser saber quais os caminhos que pode fazer, visite o site oficial do Santuário de Fátima (www.santuario-fatima.pt) e pode ter acesso a inúmeras informações úteis para si. Não se esqueça também que a Cruz Vermelha se associou à Peregrinação a Fátima, e tem montados, por todos os caminhos, postos de socorro para que o possam ajudar caso o seu estado de saúde e condição física precise de assistência especializada. Kit de primeiros socorros com pensos rápidos, material para tratar bolhas nos pés, creme hidratante e anti-inflamatório, soro fisiológico, compressas esterilizadas, repelente de insectos, álcool etílico e agulhas para rebentar eventuais bolhas nos pés. Leve ainda protector solar, batom do cieiro e corta unhas (se as unhas estiverem muito compridas pode influenciar o estado do seu pé e das suas meias).

1 Marinhas 2 Póvoa de Varzim 3 Vila do Conde

Sta. Cristina do Couto 4

22Foz do Sabor

5 Maia

Marco de CanavezesM01

23Torre de Moncorvo 24Pocinho 25Vila Nova Foz Côa

M02Espinho

Sanguedo6

8 S. João da Madeira

M03

26Longroiva

Fermedo – Cruz das Eiras 7

27Barreira

A32

Cucujães 9 Oliveira de Azeméis10

28Chafariz do Vento Viseu 33

Celorico da Beira 29

M04

Águeda11

M06

Carrapichana30

M05 Cúria 12

Sta. Comba Dão M07 Oliveira do Hospital

Mealhada13

Penacova14

18 Bom Sucesso APOIOS FIXOS A SUL DE FÁTIMA

Coimbra 15

19Carapinheira

39 Abrantes, Rua D. Afonso Henriques e na Rotunda saída 40 Rio Maior – Na Associação em Fráguas 41 Santarém, e Cartaxo - nas instalações da CVP,

Pinhanços31 Torrozelo 32

20Cova da Gala

Sangardão16

21 Ervedal

42 EN3 no cruzamento de Casais de Lagos e Virtudes 43 Alenquer, Vila Nova da Rainha – EN3 44 Torres Vedras – Na zona do Choupal

Redinha17 Sertã 34 Cernache do Bonjardim35 Sobreira- Formosa36

APOIO MÓVEL

Proença –a -Nova 37

M01- Saída de Marco de Canavezes a 7e Chegada a Fátima a 12 de Maio.

M02 – Saída de Espinho a 5 e chegada a Fátima a 10 de Maio.

M03 - EN102 - Concelho de Torre de

FÁTIMA M08

Moncorvo, Vila Nova de Foz Côa e Meda

M04 - Entre a EN17 Celorico da Beira/Pinhanços e EN102

M05 - EN17, entre S. Paio (Gouveia) e

Alcobaça

M09 Caldas da Rainha

Povoa das Quartas (Oliveira do Hospital)

M06 – EN2, entre Viseu e Sta. Comba Dão M07 - EN234, entre Santa Comba e

Bombarral

Mortágua

M08 - EN8 de Óbidos a Alcobaça das 08H

M11

às 18H00

M09 - EN118 e EN2 até cerca de 15km da saída de Abrantes

Torres Vedras44

M10 - Entre Cartaxo - Santarém – Torre do Bispo

M11 – Entre o concelho de Mafra e Bombarral

Vale-dos-Ovos, Chão de Maçãs 38

Fráguas40

Torre do Bispo

Abrantes 39

M10 Santarém 41 Cartaxo41 Casais da Lagoa42 Vila Nova da Rainha43

LEGENDA: - Posto CVP para assistência aos peregrinos - Posto Móvel CVP para assistência - Percurso do Posto Móvel CVP

Mafra

www.viverbem.eu

7


RESPIRAR MELHOR

Perigo à Espreita

Alergias na infância! Costuma sentir o nariz entupido e ter dificuldade em respirar? E a esses sintomas junta-se uma sensação de “peso na face”, dores de cabeça ou espirros? Então pode sofrer de sinusite. A sinusite é uma inflamação de vias respiratórias superiores, nomeadamente da mucosa que reveste os seios paranasais, que pode estar associada a um processo infecioso por vírus, bactéria ou fungo. Pode também estar associada a situações de alergia. Esta patologia está fortemente associada a outras doenças das vias respiratórias superiores como rinite, asma, bronquite, amigdalite e faringite, e pode dividir-se em três tipos: infeciosa, alérgica e traumática.

Onde começam as alergias? A humidade, o tabaco, a poluição e a exposição a alergénios, fatores aos quais somos diariamente expostos, podem, muitas vezes, desencadear alergias sazonais ou durante todo o ano. Os ácaros são uma das causas mais frequentes de alergias do aparelho respiratório. Toda a gente sabe que existem, mas o que são na verdade? São organismos microscópicos que se espalham pelo ambiente doméstico. Estão muito associados ao pó, podendo ser encontrados em revestimentos têxteis, como as alcatifas, os colchões e o mais preocupante para si, nos peluches das crianças. Os ácaros não são um veículo de transmissão de doenças, no entanto, o contacto com as substâncias que neles existem em grande número desencadeia as alergias mais rapidamente.

Como detetar e tratar? Nas crianças, os sintomas de alergias respiratórias podem manifestar-se por dificuldade em respirar, tosse e pieira (sibilos), muitas vezes com crises durante a noite. Os sintomas podem ocorrer isoladamente ou em associação. Os espirros, corrimento nasal, comichão nos olhos ou nariz, ou até mesmo olhos encarnados e brilhantes podem ser outros sintomas a que deve estar especialmente atento. Muitas das vezes estão associados à presença de alguns fatores, como os ácaros, presentes em quantidades elevadas nas casas, sobretudo nos quartos e nas camas. A sua dúvida neste momento é como deverá proceder quando o seu filho ou o seu neto estão aflitos com estas alergias e estes sintomas? Como tratar e atacar estes problemas na hora? Em grande parte dos casos, a solução passa pela higiene nasal com soro fisiológico e aspiração das secreções, a qual pode ser uma preparação para o tratamento. O tratamento poderá passar pela administração de anti-

8

www.viverbem.eu

sabia que..? > Os ácaros não são um veículo de transmissão de doenças, no entanto, o contacto com as substâncias que neles existem em grande número desencadeia as alergias mais rapidamente histamínicos, descongestionantes nasais e, em casos mais graves, pela inalação de broncodilatadores, se o médico assim o recomendar. O importante é manter a criança hidratada através da ingestão de água, sumo ou chá e se estas crises se prolongarem, deverá consultar um médico. Alguns médicos quando a criança apresenta sinais de pieira e dificuldade em tossir ou em expelir muco, recomendam os vapores com soro fisiológico que aliviam a pressão e acalmam a respiração. Mas apenas um médico especialista poderá prescrever o melhor tratamento para a criança, através de um diagnóstico pormenorizado. Marque consulta assim que surgirem os primeiros sintomas.

Casas livres de alergias Os fatores que desencadeiam as alergias, muitas vezes, moram dentro das nossas casas, nomeadamente nos nossos quartos. Siga alguns conselhos para ter uma casa livre de alergénios. > Usar coberturas anti-ácaros nos colchões e almofadas. > Utilizar lençóis de algodão, almofadas e edredão provenientes de materiais sintéticos que não sejam de flanela. > Reduzir o número de objetos que acumulem pó no quarto (peluches, livros, etc.). > Evitar alcatifas, carpetes e cortinados grossos. > O chão do quarto deverá ser aspirado regularmente. > Os pósteres nas paredes têm de ser limpos regularmente. > A almofada deverá ser substituída de 2 em 2 anos, lavada uma vez por mês a 60º C.


EM FORMA COM...

SÃO JOSÉ CORREIA

Mulher furacão

10

www.viverbem.eu

ARQUIVO RTP

Iniciou a sua carreia no teatro e aos 19 anos começou a trabalhar profissionalmente na Companhia de Teatro de Almada. Estreou-se no teatro mas tem participado em novelas de grande sucesso em Portugal, tendo-se destacado a interpretar o papel de Leonor em Ninguém Como Tu. Foi uma das protagonistas em Fala-me de Amor, fez parte do elenco de Paixões Proibidas da RTP, Sentimentos na TVI, Olhos nos Olhos, Sedução e, actualmente Doce Tentação (TVI)


Maria José Correia da Silva nasceu a 13 de Setembro de 1974, em Lisboa. Iniciou a sua carreia no teatro e aos 19 anos começou a trabalhar profissionalmente na Companhia de Teatro de Almada, mas é na televisão que tem tido grande destaque.

As dicas para estar em boa forma de São José Correia

Exercício “Prefiro praticar desporto ao ar livre, dou uma corridinha ao pé de casa e, quando tenho tempo, faço dança, alongamentos e abdominais.” “Quando faço exercício, o objetivo é tonificar, e não tanto ganhar massa muscular. Ando bastante a pé também, o importante é pôr o organismo a mexer. O exercício torna-me mais ativa.“ “A mente ativa-nos o corpo e o corpo ativa-nos a mente. A nossa produtividade aumenta com o exercício físico, bem como a nossa saúde.”

Atriz de cinema, teatro e televisão, assim é São José Correia, uma mulher multifacetada e bastante acarinhada pelo público. A intensidade e a força fazem parte da sua personalidade. E por ter esses traços bem vincados São José põe um pouco de si em cada personagem que interpreta. Apaixonada pelo seu trabalho, confessa que o seu grande fascínio é o cinema. Mas não é só atrás das câmaras ou em cima do palco que a atriz se sente confortável. São José mostrou também os seus dotes de bailarina no programa Dança Comigo na RTP. A saúde e o bem-estar são uma preocupação constante no seu dia-a-dia. Confortável com o seu corpo, São José Correia não dispensa a prática regular de exercício físico, tanto para se manter em forma como para exercitar a mente. Espírito livre que é, prefere as atividades de rua. Gosta de andar a pé, correr, e a dança é uma das suas paixões. O importante é ser uma pessoa ativa e pôr o organismo a mexer, revela. As suas participações em várias novelas portuguesas de sucesso fizeram-na crescer e querer continuar sempre a aprender mais e mais. Destacou-se a interpretar o papel de Leonor em Ninguém Como Tu, foi uma das protagonistas em Fala-me de Amor, fez parte do elenco de Paixões Proibidas da RTP, Sentimentos na TVI, Olhos nos Olhos, Sedução e, mais recentemente, Doce Tentação da TVI.

www.viverbem.eu

11


DICAS ÚTEIS

sinal de alerta

Quando o seu organismo dá o aviso Os episódios de diarreia deitam-nos abaixo e são muito incómodos. Se conseguir descobrir as causas e tentar prevenir estes episódios, sentir-se-á muito melhor e com outra disposição. A diarreia ocorre quando o seu sistema digestivo não está a funcionar bem e caracteriza-se por um aumento do número de evacuações e pela presença de fezes moles ou até mesmo líquidas, em situações mais alarmantes. Esta desregulação do intestino é, por vezes, um sinal de alerta do seu organismo quando não está a receber todos os cuidados e nutrientes que precisa. Para retomar o equilíbrio, deve prestar mais atenção aos sinais do seu corpo e adoptar uma dieta e uma rotina alimentar mais saudáveis, e tentar pôr o stress e as noites mal dormidas de lado. Há alguns fatores que dão origem a episódios de diarreia.

São eles > Infeções por vírus ou bactérias > Intoxicação alimentar > Ingestão de comidas muito picantes ou com gordura > Doenças intestinais inflamatórias

12

www.viverbem.eu


O VIAJANTE EM STRESS Normalmente, quando viajamos ou quando saímos de nossa casa e do nosso ambiente, o organismo apercebe-se de uma alteração de ambiente e de rotinas. Essa mudança pode levar a que o nosso sistema digestivo fique sujeito a algumas alterações, pelo que é durante as viagens que surgem mais problemas a nível intestinal, como a diarreia. Estes episódios específicos têm a designação de Diarreia do Viajante. Geralmente, têm mais probabilidade de acontecer quando viajamos para países tropicais. Ainda que estes países tenham um clima fantástico, a qualidade da água pode ser questionável e contaminar outras bebidas, nomeadamente através das pedras de gelo, e até mesmo alguns alimentos. Os locais considerados mais propícios à Diarreia do Viajante situam-se no Norte de África, na América do Sul, na Ásia Oriental, e em países como o México, a Índia, o Paquistão, Bangladesh, Nepal e Butão. Estas zonas são consideradas de alto risco, por isso, se estiver a planear umas férias de verão nestes sítios, tenha cuidados especiais. O principal a ter em atenção é beber muita água, mas engarrafada. Lembre-se de não lavar os dentes com água da torneira e evite pedras de gelo nas suas bebidas. Evite também o consumo de alimentos crus que possam ter sido lavados com água da torneira, como a fruta, e refeições em bancas de rua (vendedores ambulantes).

>Antiespasmódico (indicado em situações de cólicas ou dores abdominais)

3

Kit de Farmácia do Viajante

1

>Normalizador da flora intestinal

2

>Laxante (ajuda os seus intestinos a trabalharem melhor e mais rápido)

4

5

>Medicamento para a indigestão

>Gel desinfectante para as mãos (evita a proliferação de bactérias)

6

7

>Comprimidos para purificar a água

>Toalhitas de limpeza e toalhitas íntimas www.viverbem.eu

13


PRODUTOS

GAMA CEBION As vitaminas e os minerais são elementos essenciais à vida desempenhando um papel vital na grande maioria dos processos metabólicos. Dado que o organismo humano não é capaz de sintetizar algumas destas substâncias, as

mesmas têm que ser fornecidas pela dieta alimentar. A gama de produtos Cebion foi cuidadosamente formulada para suplementar os estados de carência ou necessidades acrescidas de vitaminas.

CEBION EFERVESCENTE E CEBION MAGNÉSIO Cebion, 1000 mg Vitamina C, comprimido efervescente, e Cebion Magnésio, 170 mg Magnésio e 150 mg Vitamina C, comprimido efervescente são dois suplementos alimentares. A vitamina C contribui para o normal funcionamento do sistema imunitário. A vitamina C e

o magnésio contribuem para o normal metabolismo produtor de energia e para a redução do cansaço e da fadiga. Os suplementos alimentares não devem ser utilizados como substitutos de um regime alimentar variado e equilibrado e de um modo de vida saudável.

VIVER BEM saúde para dar e receber

Proprietário

Divisão Consumer Health

Edificío DUO Miraflores Alameda Fernão Lopes 12 5º A,B 1495-190 Algés

Contribuinte 500650870

GRIPONAL NASIVIN MENTOL e nasivin mer A vida é marcada por pequenos e grandes momentos que merecem ser vividos na sua plenitude. Porém, a congestão nasal, a rinite e a sinusite, entre outros problemas respiratórios, impedem-nos frequentemente de aproveitar estes momentos ao máximo. Nasivin tem soluções para o alívio destes sintomas, bem como dos que estão associados a situações de rinite alérgica. Respirar melhor é viver melhor.

Rápido e Eficaz. Griponal é um medicamento não sujeito a receita médica. Indicado para o alívio de sintomas das gripes e constipações como dores e febre, ajudando a reduzir o corrimento nasal, o lacrimejar e os espirros. Precauções especiais em caso de doentes com pertubações do fígado, insuficiência renal, glaucoma, estreitamento do piloto ou obstrução piloroduodenal, hipertrofia da próstata ou obstrução do colo vesical, doença cardiovascular, diabetes mellitus ou angina e em doentes com idade superior a 60 anos. Nao administrar a crianças com idade inferior a 12 anos. Se não se sentir melhor ou se piorar após 5 dias, tem de consultar um médico. Leia cuidadosamente o folheto informativo e rotulagem e, em caso de dúvida ou persistência dos sintomas, consulte o seu médico ou farmacêutico.

Director Luis Mendes Periodicidade Quadrimestral Tiragem 55.000 ISSN 16472020 Registo ERC 125591 Depósito legal 289.171/09 Editor

JOINTCARE ATIVO PLUS JointCare foi cuidadosamente formulado para ajudar a manter a saúde dos ossos, músculos e cartilagens ao longo das diferentes idades e fases da vida. Cada produto é direcionado para ir ao encontro das necessidades individuais.

14

www.viverbem.eu

Impressão TYPIA – Grupo Monterreina Área Empresarial Andalucía 28320 Pinto Madrid - España Depósito legal N.º103891/96 N.º 120.309 do ICS


Elás, Symphytum officinale (consolda) é um medicamento não sujeito a receita médica. Indicado para o tratamento tópico da dor, inflamação e inchaço dos músculos e articulações, no caso da artrite degenerativa, mialgia aguda nas costas, entorses, contusões e ruturas após lesões desportivas e acidentes. Creme para uso tópico. Para aplicação apenas sobre a pele intacta, não devendo ser aplicado nos olhos, em membranas mucosas ou em feridas abertas. Por conter parabenos podem ocorrer reações alérgicas, inclusivamente reações retardadas. O benzoato de benzilo pode causar irritação moderada na pele, olhos e membranas mucosas. O álcool cetoestearílico pode causar irritação localizada da pele (por exemplo, dermatite de contacto). Não deve ser usado em crianças com menos de 12 anosmedicamento de idade. Doentes a usarem o creme pela primeira aplicar otópico produto pequena área, por exemplo no pulso, para testar ano tolerância antes do uso. Doentesmialgia com predisposição alérgica podem Elás, Symphytum officinale (consolda) é um não sujeito a receita médica. Indicadovez, paradevem o tratamento da numa dor, inflamação e inchaço dos músculos e articulações, caso da artrite degenerativa, aguda nas costas, entorses, ser mais propensos a sofrer reações de hipersensibilidade. Leia para cuidadosamente o folheto informativo e rotulagem e, em caso dúvidaser ou aplicado persistência sintomas, consulte mucosas o seu médico farmacêutico. contusões e ruturas após lesões desportivas e acidentes. Creme uso tópico. Para aplicação apenas sobre a pele intacta, não de devendo nos dos olhos, em membranas ou emouferidas abertas. Por conter parabenos podem ocorrer reações alérgicas, inclusivamente reações retardadas. O benzoato de benzilo pode causar irritação moderada na pele, olhos e membranas mucosas. O álcool cetoestearílico pode causar irritação localizada da pele (por exemplo, dermatite de contacto). Não deve ser usado em crianças com menos de 12 anos de idade. Doentes a usarem o creme pela primeira vez, devem aplicar o produto numa pequena área, por exemplo no pulso, para testar a tolerância antes do uso. Doentes com predisposição alérgica podem ser mais propensos a sofrer reações de hipersensibilidade. Leia cuidadosamente o folheto informativo e rotulagem e, em caso de dúvida ou persistência dos sintomas, consulte o seu médico ou farmacêutico.

0157/04/2014 0157/04/2014

• Dor, inflamação e inchaço dos músculos e articulações • Mialgia aguda nas costas • Dor, inflamação inchaço dos• Ruturas músculosapós e articulações • Mialgiae acidentes aguda nas costas • Entorses,eContusões lesões desportivas • Entorses, Contusões • Ruturas após lesões desportivas e acidentes


0248/10/2013

Rápido e eficazzz.

Griponal é um medicamento não sujeito a receita médica. Indicado para o alívio de sintomas das gripes e constipações como dores e febre, ajudando a reduzir o corrimento nasal, o lacrimejar e os espirros. Precauções especiais em caso de doentes com perturbações do fígado, insuficiência renal, glaucoma, estreitamento do piloro ou obstrução piloroduodenal, hipertrofia da próstata ou obstrução do colo vesical, doença cardiovascular, diabetes mellitus ou angina e em doentes com idade superior a 60 anos. Não administrar a crianças com idade inferior a 12 anos. Se não se sentir melhor ou se piorar após 5 dias, tem de consultar um médico. Leia cuidadosamente o folheto informativo e rotulagem e, em caso de dúvida ou persistência dos sintomas, consulte o seu médico ou farmacêutico.

www.merck.pt

e ip r g a d o i la ív no

. o ã ç a ts ip n o c e

Viver Bem | nº5  
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you