Page 1

R 0

ANO XVI - N 803

www.brasiliaagora.com.br

BRASÍLIA, 15 A 21 DE JULHO DE 2018

E-mail: bsbagora@gmail.com

FOTO: REPRODUÇÃO DA INTERNET

LAVA JATO

É SHOW

Lula é absolvido em caso de obstrução

MUNDUÊ, SAMBA COM PÉ NO CHÃO

Além do ex-presidente, Justiça do DF inocenta mais seis réus acusados de tentar obstruir a Lava Jato. PÁGINA 4

Cantor e compositor Diogo Nogueira apresenta em Brasília o show do novo álbum Munduê, seu primeiro projeto autoral e que privilegia a batucada e o samba de raiz.

Justiça do Rio Grande do Norte manda soltar o ex-ministro Henrique Alves Decisão do juiz Francisco Eduardo Guimarães, da 14ª Vara da Justiça no Rio Grande do Norte, coloca em liberdade provisória o réu no processo da Operação Manus. PÁGINA 5 FABIO RODRIGUES POZZEBOM/ABR

ORÇAMENTO

CONGRESSO DERRUBA PROIBIÇÃO A REAJUSTE DE SERVIDORES EM 2019 Em votação no Plenário do Congresso Nacional, parlamentares aprovaram o relatório do senador Dalirio Beber (PSDB-SC) ao projeto da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) de 2019. No entanto, mesmo diante de argumentos do relator, derrubaram a proibição de

novos reajustes salariais aos servidores e de criação de cargos no serviço público, Š’—ŠȱšžŽȱŒ˜–ȱŽŽ’˜œȱęȱ—Š—ŒŽ’›˜œȱ™˜œŽȬ riores a 2019. Para Beber, a intenção era impedir que o novo governante eleito em outubro tivesse de arcar com com™›˜–’œœ˜œȱęȱ›–Š˜œȱ—ŠȱŽœ¨˜ȱŠ—Ž›’˜›ǯ

PÁGINA 3

FOTO: REPRODUÇÃO DA INTERNET

TJDFT nega pedido do PTB de parar derrubadas de obras ilegais PÁGINA 10

Agefis afirma que não estaria agindo com arbitrariedade e violência e continua ações com aval do tribunal. PÁGINA 6 FOTO: DIVULGAÇÃO

3º PLANO

VEÍCULOS

ECONOMIA

VW revela o visual do T-Cross 2019

INGRESSO NO ESOCIAL EM NOVEMBRO

Combate ao tráfico de pessoas

Versão nacional do modelo será fabricada no Paraná a partir de janeiro do próximo ano. PÁGINA 7

De acordo com a Resolução nº 4 do Comitê Diretivo do eSocial, publicada no Diário Oficial da União, a partir de novembro, micro e pequenas empresas poderão ingressar no programa. PÁGINA 3

Por decreto, o governo aprovou o 3º Plano Nacional de Enfrentamento ao Tráfico de Pessoas, que reúne um conjunto de medidas de combate a essa prática, responsabilizar culpados e dar assistência às vítimas pelos próximos quatro anos. PÁGINA 7

FESTIVAL – Projeto DF Improvisa Dança chega à 2ª edição com atenção à modalidade Contato Improvisação e ações voltadas ao intercâmbio entre artistas e público. PÁGINA 9

FOTO: REPRODUÇÃO

ENTORNO >> EM CIDADE OCIDENTAL, INSCRIÇÕES PARA CASAMENTO COMUNITÁRIO. PÁGINA 6


POLĂ?TICA

2

www.brasiliaagora.com.br

BRASĂ?LIA, 15 A 21 DE JULHO DE 2018

ESTATUTO DA FAMĂ?LIA

BRASĂ?LIA AGORA

DETRAN/DER FOTO: DELMASSO CARLOS GANDRA/CLDF

AGENTES QUE APLICAREM MULTAS NA FOLGA PODEM RECEBER BĂ”NUS Um nova lei distrital, publicada na terça-feira (10) no DiĂĄrio OďŹ cial do DFgarante boniďŹ cação salarial para os agentes de trânsito que aplicarem multa ou exercerem outras atividades de ďŹ scalização em dias de folga.EstĂŁo contemplados funcionĂĄrios do Departamento de Trânsito (Detran) e do Departamento de Estradas de Rodagem (DER). Por mĂŞs, o Detran terĂĄ 1.750 cotas e o DER, 850. Na prĂĄtica, o proďŹ ssional que quiser, poderĂĄ abrir mĂŁo de horas de folga para trabalhar. Em troca, ele receberĂĄ uma gratificação bruta de R$ 300 para cada 7 horas de serviço durante a folga. SĂł ganharĂĄ bĂ´nus salarial quem ďŹ zer mais de 2 horas "extras". O AGENTE PRECISA: s 3ER OlCIALMENTE CONVOcado pelo Detran ou pelo DER; s%STARUNIFORMIZADODURANTE a ďŹ scalização;

Deputado Rodrigo Delmasso, autor do projeto, considera a ação precipitada

s%STARESCALADOPARAOTRAbalho no dia em questĂŁo; s2ESPEITAROMĂ“NIMODE horas de descanso entre um turno e outro. Para começar a valer, porĂŠm, a medida ainda precisa ser regulamentada. Pela norma, o Poder Executivo deve ďŹ xar regras complementares 6 meses apĂłs a publicação – em janeiro de 2019. A justiďŹ cativa para a aplicação norma, segundo o DER, ĂŠ ďŹ nanceira: aumentar o nĂşmero de agentes nas ruas sem que seja preciso contratar novos proďŹ ssionais. "NĂłs tivemos uma redução de servidores, nĂŠ? Devido a algumas aposentadorias, e nĂŁo teve concurso nos Ăşltimos anos", disse o superintendente de trânsito do ĂłrgĂŁo, Carlos Spies. "Devido aos grandes acidentes que estĂŁo acontecendo, Ă s mortes no trânsito, a gente precisa retomar as nossas ďŹ scalizaçþesâ€?. FOTO: TONY WINSTON/ABSB

MPDF vai à Justiça para derrubar Lei distrital 6.106/2018

O

MinistÊrio Público do Distrito Federal acionou a Justiça, na terça-feira (10), para tentar derrubar a legislação que colocou em vigor o Estatuto da Família. A lei distrital 6.106/2018, que entrou em vigor em 27 de

junho, estabeleceu que família Ê o núcleo constituído apenas por homem e mulher, excluindo casais homoafetivos. Para a promotora Selma Godoy, responsåvel pela ação que pede o veto total da lei, o Supremo Tribunal Federal (STF) jå julgou que o sexo não pode ser utilizado como um fator discriminatório. Ela caracterizou os termos da lei como "características de um retrocesso". "Na sociedade contemporânea, existe uma maximização de gêneros. As famílias tradicionais

QmRUHĂ€HWHPLVVRGLVVH*RGR\ SEGREGAĂ‡ĂƒO 1D DomR D SURPRWRUD DÂżUmou que as diretrizes estabelecidas pelo Estatuto da FamĂ­lia potencializa "a discriminação na sociedade brasiliense", sendo capazes de criar segregação no atendimento na saĂşde e na educação pĂşblicas. Para Godoy, o artigo 8 da legislação – que acrescenta a disciplina "Educação para famĂ­lia" como componente curricular – pode aumentar a proporção do

bullying nas escolas. "Estabelecer um currículo para a família tradicional afeta uma criança cujos pais são homoafetivos, fomentando a pråtica de bullying HQWUHRVDOXQRVD¿UPRX Se o MinistÊrio Público for atendido, a liminar suspenderå a lei atÊ que haja o julgamento. "Esperamos que o processo seja råSLGRSRLVRUHÀH[RGDVGLUHWUL]HV da lei seria grande na sociedade", comentou a promotora.

>> LEIA MAIS no site www.brasiliaagora.com.br

O CAMINHO DA LEI

Trechos do Estatuto da FamĂ­lia considerados irregulares pelo MinistĂŠrio PĂşblico do DF

A lei que criou o Estatuto da FamĂ­lia foi proposta pelo deputado distrital Rodrigo Delmasso (Podemos) e aprovado pela Câmara Legislativa. Em 2015, porĂŠm, o governador Rodrigo Rollemberg (PSB) derrubou o projeto. TrĂŞs anos depois, por meio de votação em bloco, a Câmara Legislativa derrubou o veto do governador e publicou a lei. A apreciação nĂŁo demorou mais que dois minutos. ApĂłs lei entrar em vigor, grupos LGBT recorreram para que o Superior Tribunal Federal (STF) derrubasse o Estatuto da FamĂ­lia. O tribunal ainda nĂŁo tomou alguma decisĂŁo. Deputados distritais tambĂŠm foram ao MP contra a aprovação do projeto. Rodrigo Delmasso classiďŹ cou como "precipitada" a atitude do MinistĂŠrio PĂşblico. "Se for usar esse argumento (discriminação), a lei anti-homofobia do DF tambĂŠm ĂŠ discriminatĂłria, porque discrimina a opiniĂŁo do prĂłximo", aďŹ rmou. "Assim como a valorização do idoso nĂŁo discrimina os jovens, a valorização da famĂ­lia tradicional nĂŁo discrimina os LGBTs", disse Delmasso.

EstĂŁo contemplados funcionĂĄrios do Detran e do DER

CAIXA DE PANDORA

STF NEGA HABEAS CORPUS AO EX-GOVERNADOR ARRUDA O ministro Luiz Fux, do Supremo Tribunal Federal (STF), negou o habeas corpus pedido pela defesa do ex-governador do Distrito Federal JosĂŠ Roberto Arruda. A defesa de Arruda buscava o direito de produzir novas provas em ação penal a que ele responde na Justiça do DF. A decisĂŁo foi divulgada, dia 9, pelo tribunal. O ex-governador foi denunciado pela suposta prĂĄtica dos crimes de falsidade ideolĂłgica e de corrupção de testemunha na operação que ďŹ cou conhecida como Caixa de Pandora. Segundo a denĂşncia, ele teria oferecido, por meio de corrĂŠu, vantagem a um jornalista para que ele ďŹ zesse declaraçþes falsas em seu favor durante a investigação. Os advogados do ex-governador alegaram que "a negativa de produção de novas provas violaria os princĂ­pios da ampla defesa, do contraditĂłrio e do devido processo legal". Para o ministro, "nĂŁo hĂĄ qualquer flagrante ilegalidade ou abuso de poder" que autorizasse a concessĂŁo do habeas corpus. O magistrado disse ainda que "nĂŁo hĂĄ que se falar em nulidade decorrente do suposto cerceamento de defesaâ€?.

FOTO: REPRODUÇAO/TVGLOGO

LEGISLAĂ‡ĂƒO pode segregar LGBTs em atendimento na saĂşde e na educação, diz promotora. Autor da lei chama ação de 'precipitada'

Arruda: falsidade ideolĂłgica

JULGAMENTO ADIADO Em fevereiro, o Superior Tribunal de Justiça (STJ) suspendeu o julgamento de Arruda que iria ocorrer no TJ-DF. O ex-governador buscava rever a sentença de 3 anos e 10 meses no Escândalo dos Panetones, um dos episĂłdios da Caixa de Pandora. Esta ĂŠ a Ăşnica condenação criminal de Arruda atĂŠ agora. Segundo a sentença, o polĂ­tico forjou quatro recibos em 2009, com valor total de R$ 90 mil, para justiďŹ car doaçþes ilegais recebidas de Durval Barbosa – ex-secretĂĄrio de Relaçþes Institucionais do DF, e delator do esquema conhecido como mensalĂŁo do DEM.

A RTIGO

O AUDACIOSO HABEAS CORPUS PARA SOLTAR LULA A AUDà CIA do Partido dos Trabalhadores (PT) para libertar o ex-presidente Luiz Inåcio Lula da Silva jå extravasou o limite da razoabilidade, da decência e da tolerância. Lula, à luz da Constituição Federal, deve ser tratado como qualquer condenado. Portanto, a liberdade do ex-presidente implica a imediata soltura dos demais presos, em obediência ao princípio constitucional da igualdade dos direitos. E se isso ocorrer, só resta ao país a pronta intervenção militar para restabelecer a ordem e prender

toda essa corja que tenta denegrir o Estado Democråtico de Direito. Ainda não vivemos em estado de anomia ou de anarquia como pressupþem os saltimbancos e agregados petistas. Aqui ainda vige o respeito ao imperativo legal, não obstante a rebeldia do desembargador plantonista RogÊrio Favreto, bem como de alguns ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) – Lewandowski, Toffoli e Gilmar Mendes – componentes da Segunda Turma do STF, os quais têm se comportado de forma antir-

T�TULO DEPOSITADO NO INPI SOB Nº 828213798 JORNAL BRAS�LIA AGORA EMPRESA JORNAL�STICA LTDA. - ME Redação e Deptº Comercial: SIG Quadra 3 Bloco B, Entrada 75 - Sala 101 - Brasília-DF - CEP: 71200-432 - Fones: (61) 3344-9063 e 3344-9064. 3DUTXH*Ui¿FR SIA quadra 3C lote 24 – fundos. Telefone: 3341-3852 E-mail: bsbagora@gmail.com e o site: www.brasiliaagora.com.br

republicana ao autorizar a liberdade de criminosos de colarinho branco, desrespeitando assim as decisĂľes de segunda instância. O comportamento do desembargador plantonista do TR4, RogĂŠrio Favreto, petista de carteirinha, ao receber e dar andamento ao pedido da liberdade de Lula sem que houvesse algum fato novo que justiďŹ casse o pedido, ĂŠ de questionĂĄvel lisura. O seu plantĂŁo foi obra ardilosa de petistas desnorteados para lograrem ĂŞxito por caminhos sinuosos, pois atĂŠ

Diretor: SĂ?LVIO AFFONSO Editor Geral: EZEQUIEL MORAIS Editora Executiva: KĂ TIA SLEIDE Diagramação: ANTĂ”NIO CALANDRINI Colunistas: KĂ TIA SLEIDE e DIMAS FERREIRA Reportagens: EMANUELLE CARDOSO Fontes: AGĂŠNCIAS BRASIL, BRASĂ?LIA e ESTADO *ARTIGOS ASSINADOS SĂƒO DE INTEIRA RESPONSABILIDADE DE SEUS AUTORES

agora os empedernidos defensores de Lula sĂł acumularam derrotas em cima de derrotas no JudiciĂĄrio. Assim, os tiros do PT por volta do meio dia de domingo (8) foram apenas de festim, ou seja, ďŹ zeram muito barulho mas sem nenhum efeito. Vejam o que disse o ex-presidente do STF, Carlos Velloso: “Um sujeito espera um juiz plantonista, ideal para impetrar um habeas corpus, um mandado de segurança, e ter a certeza da obtenção de uma liminar. Isso ĂŠ velho conhecido na Justiça.â€?

A sociedade tem que ďŹ car atenta para impedir que os indecorosos e traidores da RepĂşblica, travestidos de polĂ­ticos sĂŠrios e honrados, nĂŁo achincalhem a Nação, desrespeitando a ordem jurĂ­dica a ponto de poder causar a sua instabilidade. O Brasil ĂŠ muito maior do que a arrogância ensandecida de uma liderança partidĂĄria, legalmente condenada e presa, que devia se manter silenciosa na cadeia. JĂšLIO CÉSAR CARDOSO, bacharel em Direito e servidor federal aposentado/SC

CIRCULAĂ‡ĂƒO: BrasĂ­lia: Plano Piloto; Setor de Autarquias, SCN; SCS; Lago Norte; Lago Sul; Asa Norte; Asa Sul; SIA; Sudoeste. Distrito Federal: Taguatinga, Ceilândia; Ă guas Claras. GoiĂĄs: Goiânia; AnĂĄpolis; Luziânia; Cidade Ocidental; Novo Gama; ValparaĂ­so; Santo AntĂ´nio do Descoberto; Ă guas Lindas; Formosa; Planaltina de GoiĂĄs; JaraguĂĄ; PirenĂłpolis; Cocalzinho e CorumbĂĄ.


POLĂ?TICA

3

www.brasiliaagora.com.br

BRASĂ?LIA, 15 A 21 DE JULHO DE 2018

LEI DO ORÇAMENTO

BRASĂ?LIA AGORA

CONTRAN VIOLĂŠNCIA

Congresso aprova projeto da RELATOR da matĂŠria diz que a lei aprovada reete as diďŹ culdades ďŹ scais que o PaĂ­s enfrenta

LDO 2019

O

Beber chegou a dizer aos parlamentares que o dispositivo era a essĂŞncia do parecer. (DÂżUPRXTXHDLQWHQomRHUD impedir que o novo governante eleito em outubro tivesse de arcar com compromissos ÂżUPDGRV QD JHVWmR DQWHULRU “NĂŁo con hecemos quem serĂĄ o prĂłximo presidente da 5HS~EOLFDPDVFRQKHFHPRV RJUDXGHGLÂżFXOGDGHVTXHHOH terĂĄ de enfrentar e esse ponto visa minimizar o tamanho dos problemas que o governo WHUi´GHIHQGH Os apelos nĂŁo convenceram a maioria. A maior parte dos partidos ligados ao governo mudou sua orientação ao ORQJRGDYRWDomRSDVVDQGRD apoiar a retirada do dispositi-

Plenårio do Congresso Nacional aprovou na quinta-feira (12) o relatório do senador Dalirio Beber (PSDB-SC) ao projeto da Lei de Diretrizes Orçamentårias (LDO) de 2019. O texto serå remetido agora à sanção presidencial. $ /'2 DSURYDGD UHÀHWH VHJXQGRRUHODWRUDGL¿FXOGDGH ¿VFDOGR3DtVPLUDRFRQWUROH GHJDVWRVFRUUHQWHVHGHPDQHLUD LQpGLWD GRV LQFHQWLYRV ¿VFDLV8PGRVSRQWRVFHQWUDLV GR UHODWyULR QR HQWDQWR IRL derrubado pelo Plenårio: a proibição de novos reajustes salariais aos servidores e de criação de cargos no serviço S~EOLFRDLQGDTXHFRPHIHLWRV ¿QDQFHLURVSRVWHULRUHVD

YRTXHIRLH[FOXtGRGD/'2 SRUYRWRVDFRPWUrV obstruçþes. 2 OtGHU GR 37 GHSXWDGR 3DXOR 3LPHQWD 56  DYDOLRX o texto do relator como uma antecipação de um debate que serĂĄ feito durante o processo eleitoral. “A LDO vai impedir que candidatos Ă presidĂŞncia tenham a liberdade de apreVHQWDUDVXDYLVmRGH(VWDGR WUDGX]LGDWDPEpPQDSROtWLFD S~EOLFD SDUD RV VHUYLGRUHV´ FULWLFRX R SDUODPHQWDU DXWRU do destaque que derrubou o impedimento aos reajustes. 1D SUiWLFD D UHWLUDGD GR dispositivo abre espaço para que os Poderes possam enviar proposta de aumento salarial ao Congresso em 2019. FOTO: REPRODUĂ‡ĂƒO

Plenårio do Congresso Nacional: proibição de reajuste para servidores públicos em 2019 foi derrubada

ECONOMIA

BC E FAZENDA CONVERSAM COM ECONOMISTAS DE PRESIDENCIĂ VEIS FOTO: REPRODUĂ‡ĂƒO

A equipe econômica do governo jå deu os primeiros passos na direção da transição política – processo que deverå começar formalmente em outubro, quando as urnas revelarem o novo presidente da República. O ministro da Fazenda, Eduardo Guardia, e o presidente do Banco Central (BC), Ilan Goldfajn, têm recebido para reuniþes os coordenadores do programa econômico dos prÊ-candidatos à Presidência da República. Eles estão sendo informados sobre a situação das contas públicas do país. Em junho, o secretårio do Tesouro Nacional, Mansueto Almeida Junior, conversou

Ministro Eduardo Guardia

com Paulo Guedes, economista que assessora o prĂŠ-candidato Ă sucessĂŁo presidencial deputado Jair Bolsonaro. TambĂŠm esteve em reuniĂŁo com o secretĂĄrio, no mĂŞs passado, o economista

PĂŠrsio Arida, que faz o plano de governo de Geraldo Alckmin. Neste mĂŞs, as reuniĂľes estĂŁo sendo feitas com Guardia e Goldfajn. No Ăşltimo dia 4, os dois receberam PĂŠrsio Arida no MinistĂŠrio da Fazenda. No dia 9 de julho, foi a vez de Mauro Benevides, no MinistĂŠrio da Fazenda, em SĂŁo Paulo. Benevides ĂŠ responsĂĄvel pelo programa econĂ´mico de Ciro Gomes. A ideia dos encontros ĂŠ mostrar que as reformas e ajustes na economia brasileira sĂŁo importantes para ter inação e juros baixos – mantendo assim a estabilidade do paĂ­s. Com essa agenda de ajuste ďŹ scal, o governo criou um teto para os gastos pĂşblicos.

MICROEMPRESAS GASOLINA

Preço cai 0,98% nas reďŹ narias Depois de 20 dias com aumentos de preços sucessivos, a Petrobras anuncia que reduzirĂĄ em 0,98% o preço da gasolina em suas reďŹ narias. O litro do combustĂ­vel caiu 2 centavos e passou a custar R$ 2,0326. A Ăşltima vez que o preço da gasolina caiu foi em 22 de junho, quando passou de R$ 1,8841 para R$ 1,8634.

Ingresso no eSocial a partir de novembro Micro e pequenas empresas poderĂŁo ingressar no eSocial, a partir de novembro. O DiĂĄrio OďŹ cial da UniĂŁo publicou a Resolução nÂş 4 do ComitĂŞ Diretivo do eSocial permitindo que micro e pequenas empresas – que sĂŁo aquelas com faturamento anual de atĂŠ R$ 4,8 milhĂľes – e Microempreendedores Individuais (MEI) possam ingressar no programa que uniďŹ ca as informaçþes ďŹ scais, previdenciĂĄrias e trabalhistas dos empreendedores em um banco de dados adminis-

trado pelo governo federal. A Receita Federal lembra que só os MEI que têm empregados precisarão prestar informaçþes ao eSocial. A obrigação de ingressar no eSocial para micro e pequenos empreendedores e para os MEI serå somente em novembro, mas a norma publicada hoje oferece a opção de ingresso jå nesta segunda-feira (16), junto empresas privadas do país que têm faturamento anual inferior a R$ 78 milhþes.

CPI dos CartĂľes: BC anuncia que vai promover estudos O Banco Central (BC) vai promover os estudos recomendados pela ComissĂŁo Parlamentar de InquĂŠrito (CPI) dos CartĂľes de CrĂŠdito que encerrou os trabalhos dia 11. “O BC considera que o relatĂłrio ďŹ nal da CPI

contribui para as discussĂľes sobre a estrutura e possĂ­veis aprimoramentos para esse complexo mercadoâ€?, disse, em nota. O BC lembra que “vem estudando e adotando medidas na ĂĄrea de meios de pagamento e cartĂľes

de crÊdito como a materialização do princípio legal da interoperabilidade, a adoção de regulamentação proporcional ao porte, a limitação do prazo e a padronização dos juros nas modalidades de rotativo�.

DĂ“LAR: MOEDA NORTE-AMERICANA ESTA SEMANA FECHA EM

R$ 3,89

Multas poderĂŁo ser pagas com cartĂŁo de crĂŠdito Resolução publicada na Ăşltima sexta-feira pelo Conselho Nacional de Trânsito (Contran) liberou os ĂłrgĂŁos de trânsito dos Estados e municĂ­pios a receberem o pagamento de multas de trânsito e impostos relacionados aos veĂ­culos por meio de cartĂŁo de crĂŠdito. Com a medida, as multas poderĂŁo ser parceladas. O parcelamento poderĂĄ englobar uma ou mais multas de trânsito vinculadas ao veĂ­culo. A implementação da nova regra, que ĂŠ opcional para cada ĂłrgĂŁo, depende ainda do credenciamento das instituiçþes ďŹ nanceiras no Departamento Nacional de Trânsito (Denatran) e ainda nĂŁo tem cronograma deďŹ nido.

ESTATUTO

ECA completa 28 anos de criação O Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA) completou 28 anos de criação na última sexta-feira. Em todos esses anos, o ECA se consolidou como o principal instrumento de construção de políticas públicas para a promoção e a garantia de direitos de crianças e adolescentes. Para ilustrar matÊrias sobre o tema, o Itaú Social tem exemplos de projetos sociais em todo o País focados na promoção da educação integral e inclusão social, redução da evasão escolar, combate ao trabalho escravo e ao envolvimento com ålcool e drogas, ressocialização de adolescentes, atendimento de crianças vítimas de maus tratos.

FOTO: REPRODUĂ‡ĂƒO

Deputada JĂ´ Moraes ĂŠ autora do projeto aprovado

Indenização aos ďŹ lhos das vĂ­timas ĂŠ aprovada A ComissĂŁo de Seguridade Social e FamĂ­lia aprovou, dia 11, com emendas, projeto de lei da deputada JĂ´ Moraes (PCdoBMG), que obriga o poder pĂşblico a indenizar dependentes de vĂ­timas de violĂŞncia sexual ou domĂŠstica quando a morte da vĂ­tima for comprovadamente resultado de omissĂŁo, negligĂŞncia ou ato da Administração PĂşblica. A pensĂŁo serĂĄ paga a ďŹ lhos menores de 18 anos nĂŁo emancipados e a menores de 16 anos. Para receber o benefĂ­cio,

o beneďŹ ciĂĄrio, por meio do responsĂĄvel, deverĂĄ entrar na Justiça e conseguir uma decisĂŁo que comprove a omissĂŁo do Estado. Relatora no colegiado, a deputada Jandira Feghali (PCdoB-RJ) recomendou a aprovação do projeto original (PL 7441/10), acompanhando o entendimento do colegiado, que o considerou mais amplo. As emendas propostas pela relatora aumentam os valores dos benefĂ­cios assegurados pela proposta.

MP DO FRETE

EM VOTAĂ‡ĂƒO SIMBĂ“LICA, CĂ‚MARA APROVA MEDIDA A Câmara dos Deputados aprovou, por votação simbĂłlica,dia 11, medida provisĂłria que permite Ă AgĂŞncia Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) deďŹ nir um valor mĂ­nimo para o frete no transporte de cargas. A matĂŠria segue agora para apreciação do Senado. A medida foi uma das reivindicaçþes dos caminhoneiros que paralisaram as estradas de todo o paĂ­s no mĂŞs de maio, mas enfrenta forte resistĂŞncia do agronegĂłcio. Pelo texto, ďŹ ca instituĂ­da a Po-

lítica Nacional de Pisos Mínimos do Transporte Rodoviårio de Cargas e estabelecida a proibição de fechar qualquer acordo de fretes em valores inferiores aos pisos mínimos. A tabela terå validade em território nacional e deverå reetir os custos operacionais do transporte, com prioridade para os custos do óleo diesel e dos pedågios. O texto prevê que a tabela seja publicada duas vezes no ano – atÊ 20 de janeiro e 20 de julho – com validade para o semestre.


POLĂ?TICA

4

www.brasiliaagora.com.br

BRASĂ?LIA, 15 A 21 DE JULHO DE 2018

LAVA JATO

BRASĂ?LIA AGORA

HABEAS CORPUS FOTO: MARCELO CAMARGO/ABR

Favreto pressionou PF a soltar petista, diz Dodge Ao pedir abertura de inquĂŠrito pelo crime de prevaricação contra o desembargador RogĂŠrio Favreto, do Tribunal Regional Federal da 4ÂŞ RegiĂŁo, a procuraGRUDJHUDO5DTXHO'RGJHDÂżUPD que o magistrado pressionou a PolĂ­cia Federal para soltar o ex-presidente Luiz InĂĄcio Lula da Silva, seguindo sua decisĂŁo emitida no domingo (8/7). Plantonista do Tribunal Regional Federal da 4ÂŞ RegiĂŁo, Favreto expediu duas decisĂľes que mandavam soltar Lula, posteriormente derrubadas pelo presidente da Corte, Thompson Flores, e pelo relator da Lava Jato, JoĂŁo Pedro Gebran Neto. O STJ tambĂŠm rejeitou habeas corpus a Lula. A procuradora-geral pediu ao STJ que abra investigação contra o desembargador e moveu reclamação no CNJ pedindo sua aposentadoria compulsĂłria. Para Raquel, ele agiu de maneira partidĂĄria e “desonrou a higidez e a honorabilidade de seu cargoâ€?. Raquel Dodge relata, no

Luiz Inåcio Lula da Silva foi condenado por corrupção e lavagem de dinheiro no caso do triplex

Lula ĂŠ absolvido em caso de O EX-PRESIDENTE e mais cinco rĂŠus eram acusados de participar de um esquema para tentar comprar o silĂŞncio de CerverĂł

O

juiz substituto da 10ÂŞ Vara Federal do Distrito Federal Ricardo Leite absolveu na quinta-feira (12)o ex-presidente Luiz InĂĄcio Lula da Silva e mais seis rĂŠus acusados de tentar obstruir a Lava Jato. É a primeira vez em que o petista ĂŠ absolvido em ação penal da operação – ele foi condenado pelo juiz SĂŠrgio Moro por corrupção e lavagem de dinheiro no caso do triplex e estĂĄ preso em Curitiba desde abril. Na sentença, Leite apontou falta de provas para a condenação. “A instrução, a meu sentir, nĂŁo possibilitou

DEFESA O desembargador RogÊrio Favreto afirmou que não vai se manifestar e que ainda não teve ciência do conteúdo das representaçþes da PGR. FOTO: FABIO RODRIGUES POZZEBOM/ABR

obstrução a reconstrução da realidade fåtica, o que impede qualquer decreto condenatório�, escreveu o juiz. Lula, o senador cassado Delcídio Amaral (ex-PT-MS), o banqueiro AndrÊ Esteves, o pecuarista JosÊ Carlos Bumlai H VHX ¿OKR 0DXUtFLR %XPODL eram acusados de participar de um esquema para tentar comprar o silêncio do ex-diretor da årea Internacional da Petrobrås Nestor Cerveró. TambÊm foram absolvidos o ex-advogado de Cerveró Edson Ribeiro Filho e o ex-chefe de gabinete de Delcídio Diogo Ferreira Rodrigues.

De acordo com a denĂşncia, Bernardo CerverĂł, filho do ex-diretor da estatal, gravou conversa com DelcĂ­dio, em 2015, em que o entĂŁo senador prometia o pagamento de R$ 250 mil, em cinco parcelas de R$ 50 mil, em troca do silĂŞncio de CerverĂł. Ă€ ĂŠpoca, o ex-diretor da PetrobrĂĄs estava preso e na iminĂŞncia de fechar uma delação. O ĂĄudio foi entregue Ă Procuradoria-Geral da RepĂşblica e resultou na prisĂŁo de DelcĂ­dio, que Ă  ĂŠpoca era senador, e do banqueiro. Para o juiz, houve “clara intenção GH SUHSDUDU R Ă€DJUDQWH SDUD depois oferecer provas ao

MinistĂŠrio PĂşblicoâ€?. Bumlai e o filho eram acusados de fazer alguns dos pagamentos. O restante teria sido financiado por Esteves. Depois, DelcĂ­dio fechou acordo de delação com D3URFXUDGRULDHDÂżUPRXTXH o dinheiro dado por Bumlaia CerverĂł foi a pedido de Lula. Na sentença, o juiz diz que a “colaboração premiada, bem como o testemunho de outros rĂŠus nĂŁo possuem credibiliGDGHVXÂżFLHQWHSDUDTXDOTXHU juĂ­zo condenatĂłrioâ€?.

>> LEIA MAIS no site www.brasiliaagora.com.br

Ação foi proposta em 2015 A ação penal estava em tramitação desde dezembro de 2015. Na Êpoca, como Delcídio era senador, a ação foi proposta pela Procuradoria ao Supremo Tribunal Federal. Com a cassação do mandato do parlamentar, a ação foi enviada à 10ª Vara Federal, em Brasília. A denúncia contra os sete foi aceita em julho de 2016 pelo juiz, que tornou Lula rÊu pela primeira vez na Lava Jato. Com essa redistribuição, o procurador Ivan Clåudio Marx, do MinistÊrio Público Federal

pedido e na representação, que o desembargador se dirigiu â€œĂ DXWRULGDGHSROLFLDOÂż[DQGRSUDzo em horas para que cumprisse sua decisĂŁo, chegando a cobrar pessoalmente ao telefone o seu cumprimentoâ€?. A procuradora-geral atribui o comportamento dele ao seu histĂłrico dentro do PT e ao desejo de favorecer Lula. “As notĂłrias e estreitas ligaçþes DIHWLYDVSURÂżVVLRQDLVHSROtWLFDV do representado com o rĂŠu, cuja soltura ele determinou sem ter jurisdição no caso, explicam a ÂżQDOLGDGHGHVXDFRQGXWDSDUD satisfazer interesses pessoais e os inexplicĂĄveis atos judiciais que emitiu e os contatos que fez com a autoridade policial para cobrar urgĂŞncia no cumprimento de suas decisĂľesâ€?, argumenta.

no Distrito Federal, pediu em setembro do ano passado a absolvição de Lula e de Esteves. Manteve, porĂŠm, o pedido de condenação dos outros rĂŠus. DEFESAS Em nota sobre a sentença, a defesa de Lula criticou Moro. “Enquanto o juiz de BrasĂ­lia, de forma imparcial, negou valor probatĂłrio Ă delação premiada de DelcĂ­dio Amaral por ausĂŞncia de elementos de corroboração, o juiz de Curitiba deu valor absoluto

> EDITAL EDITAL PARA CONHECIMENTO DE TERCEIROS A Dra. Lucimeire Maria Da Silva, MM.ÂŞ JuĂ­za de Direito da 4ÂŞ Vara de FamĂ­lia da Circunscrição Especial JudiciĂĄria de BrasĂ­lia-DF, na forma da Lei etc... FAZ SABER a todos quantos o presente Edital virem ou dele tomarem ciĂŞncia que por este meio leva ao conhecimento pĂşblico que foi que foi exonerada a Sra. ZULEIDE MARIA COSTA PINHEIRO CALDERON da função de curadora de ABĂ?LIO CARLOS COSTA PINHEIRO. Comunico, tambĂŠm, que foi homologado o Termo de DecisĂŁo Apoiada, nomeando as Sras. ZULEIDE MARIA COSTA PINHEIRO CALDEIRON, CPF nÂş 641.907.067-87, CI nÂş 1.069.996-SSP/DF e ANA MARIA COSTA PINHEIRO, CPF nÂş 462.064.851-53, CI nÂş 0535.163-8-IFP/RJ, apoiadoras do Sr. ABĂ?LIO CARLOS COSTA PINHEIRO, CPF nÂş 969.201.067-87, CI nÂş 06.672.809 -8-IFP/RJ, conforme sentença proferida nos autos da AĂ‡ĂƒO DE TUTELA E CURATELA - Nomeação NÂş GRVHJXLQWHWHRU6HQWHQoDGHĂ€VÂł'25(/$7Ă?5,2 &XLGDVH GD DomR GH PRGLÂżFDomR GH FXUDWHOD H Âż[DomR GH WRPDGD GH GHFLVmR apoiada ajuizada por Z.M.C.P.C, A.M.C.P e A.C.C.P. Em sĂ­ntese, os autores alegam que, (i) nos autos do processo n.2008061006237-5, foi decretada a interdição do apoiado, ocasiĂŁo em que foi nomeada curadora a requerente Z.M.C.P; (ii) embora Âż[DGRVRVOLPLWHVGDLQFDSDFLGDGHGRLQWHUGLWDGRQDTXHOHVDXWRVHVWDEHOHFHQGRVHDSURLELomRGHÂłDQGDUGHVDFRPSDQKDGRIRUDGRVOLPLWHVGRVHXEDLUUR´KRXYH mudança da situação fĂĄtica, razĂŁo pela qual deveriam ser ampliados tais limites, inclusive para permitir que trabalhe e ande desacompanhado em BrasĂ­lia; (...). DO ',6326,7,92$QWHRH[SRVWRMXOJRSURFHGHQWHVRVSHGLGRVSDUDFRQÂżUPDQGRRV termos da antecipação de tutela deferida, exonerar Z.M.C.P.C da função de curaGRUDGH$&&3HKRPRORJDURWHUPRGHGHFLVmRDSRLDGDDFRVWDGRjVĂ€V Ficam as apoiadoras dispensadas de apresentar prestação de contas relacionadas Ă tomada de decisĂŁo apoiada. A presente sentença deverĂĄ, por analogia, ser inscrita nos cartĂłrios de registro civil de pessoas naturais competentes, nos termos dos arts. 92, 93 e 107, § 1Âş, da Lei nÂş 6.015/73, e publicada na rede mundial de computadores, no site do TJDFT, e na plataforma de editais do Conselho Nacional de Justiça, onde permanecerĂĄ por 6 (seis) meses. AlĂŠm disso, deverĂĄ ser publicada XPDYH]QDLPSUHQVDORFDOHSHORyUJmRRÂżFLDOSRUWUrVYH]HVFRPLQWHUYDORGH (dez) dias, observados os termos do art. 755, § 1Âş, do CPC/15. Sem custas. Sem honorĂĄrios. Operada a preclusĂŁo temporal, bem como feitas todas as diligĂŞncias correlatas, dĂŞ-se baixa na distribuição e arquivem-se os autos. Publique-se. Registre-se. Intimem-se. BrasĂ­lia - DF, sexta-feira, 23/02/2018 Ă s 16h55. Monike de Araujo &DUGRVR0DFKDGR-Xt]DGH'LUHLWR6XEVWLWXWD´(VWH-Xt]RWHPVXDVHGHQR60$6 Trecho 04, Lotes 06/04, Bloco 5, 1Âş andar, sala 1.95, FĂłrum Desembargador JosĂŠ JĂşlio Leal Fagundes, BrasĂ­lia/DF, horĂĄrio de expediente das 12h Ă s 19 horas. E, SDUDTXHFKHJXHDRFRQKHFLPHQWRGRUHTXHULGRHGHWHUFHLURVLQWHUHVVDGRVDÂżP de que, no futuro, nĂŁo possam alegar ignorância, expediu-se este Edital que vai GHYLGDPHQWHDVVLQDGRSXEOLFDGRHDÂż[DGDXPDFySLDHPORFDOGHFRVWXPHFRPR determina a Lei. BrasĂ­lia - DF, quarta-feira, 11/04/2018 Ă s 14h51. Eu, RENATA BITTAR, Diretora de Secretaria, o subscrevo.

ao depoimento de um corrĂŠu e delator informal para condenar Lulaâ€?, disse o advogado Cristiano Zanin Martins. Os advogados de Esteves afirmaram que as investigaçþes deve ser feitas sem “espetacularização e sem excessosâ€?. “A prisĂŁo inicial era completamente desnecessĂĄria e abusiva.â€? A defesa de Bumlai disse que o pecuarista nĂŁo cometeu crime de obstrução da Justiça O advogado DamianVilutis, da defesa de Mauricio Bumlai, afirmou

que a decisĂŁo foi “corretaâ€?. O advogado de Edson Ribeiro, Marcos Vidigal de Freitas Crissiuma, informou que o desfecho era esperado. “(Ribeiro) nunca esteve envolvido com qualquer ato que se possa considerar criminosoâ€?. A defesa de DelcĂ­dio informou que nĂŁo iria comentar a decisĂŁo. A defesa de Diogo Ferreira disse que todas as açþes dele foram praticadas a mando de DelcĂ­dio “sem noção de que estivesse fazendo algo erradoâ€?.

Raquel Dodge quer abertura de investigação contra o desembargador

PROCURADOR CONSIDERA HC UMA ‘CHICANA CANHESTRA’ ResponsĂĄvel pela acusação no julgamento em que o ex-presidente Luiz InĂĄcio Lula da Silva foi condenado em seg u nda instância a 12 anos e 1 mĂŞs de pr isĂŁo, no Tr ibu nal Regional Federal da 4ÂŞ RegiĂŁo (TRF-4), o procu rador regional d a RepĂşblica MaurĂ­cio Gotardo Gerum classificou como “chicanaâ€? ( jargĂŁo do meio ju r Ă­dico usado para manobras em um processo) a estratĂŠgia de trĂŞs deputados do PT de pedir a liberdade do ex-presidente no plantĂŁo do tribunal. “A impressĂŁo que tive foi a de que a impetração do habeas pelos parlamentares-advogados na sexta-feira Ă noite foi a chicana mais canhestra e acintosa que eu jĂĄ presenciei nos meus anos de profissĂŁoâ€?, afirmou ele, em relação ao pedido dos petistas Wadih Damous, Paulo Pimenta e Paulo Teixeira.

Com mais de 20 anos de MinistĂŠrio PĂşblico, Gerum ĂŠ um dos seis integrantes da força-tarefa criada para os processos da Lava Jato na segunda instância. O procurador estĂĄ de fĂŠrias, mas acompanhou a decisĂŁo do desembargador plantonista RogĂŠrio Favreto de mandar soltar Lula no domingo. A ordem acabou revisada no mesmo d ia p elo pre side nt e do Tribunal, Carlos Eduardo Thompson Flores. Favreto nĂŁo comentou o caso. Pimenta disse que o MinistĂŠrio PĂşblico “tenta intimidar atacando os autores do HC e o desembargador que atuou dentro da leiâ€?. Teixeira e Damous nĂŁo responderam Ă reportagem nesta quinta-feira. Na qu a r t a-fei ra , 11, na Câmara, Damous criticou o MPF, ao comentar a decisĂŁo da procuradora-geral da RepĂşblica de pedir investigação de Favreto.

ELEIÇÕES 2018

‘Cela nĂŁo pode servir de palanque a Lula’ A decisĂŁo da juĂ­za federal Carolina Moura Lebbos de negar 11 pedidos de cinco veĂ­culos de comunicação para entrevistar e sabatinar o petista dentro da prisĂŁo e de vetar sua saĂ­da para fazer campanha e participar da Convenção do PT, repercutiu intensamente entre advogados constitucionalistas e criminalistas. A maioria concorda com a decisĂŁo da juĂ­za com base na Lei da Ficha Limpa. Para o advogado Alexandre Ribeiro Filho, a decisĂŁo ĂŠ correta. “Uma vez autorizado o cumprimento antecipado da pena pelo Supremo, nĂŁo parece legĂ­timo permitir que o preso faça da cela o seu palanque. O ex-presidente, alĂŠm de cumprir pena em regime fechado, ĂŠ inelegĂ­vel de acordo com a Lei da Ficha Limpaâ€?, afirma Ribeiro Fi-

lho, criminalista do Vilardi Advogados. Para o professor Daniel FalcĂŁo, especialista em Direito Constitucional e Direito Eleitoral, apesar de o artigo 16-A da Lei das Eleiçþes (Lei nÂş 9.504/1997) prever que um candidato cujo registro esteja sub judice pode efetuar todos os atos relativos Ă campanha eleitoral, o caso de Lula â€œĂŠ absolutamente sui generisâ€?. Lula estĂĄ preso desde 7 de abril, para cumprimento da pena de 12 anos e um mĂŞs de reclusĂŁo no processo do triplex do GuarujĂĄ (SP). A pena foi imposta pelo Tribunal Regional Federal da 4ÂŞ RegiĂŁo (TRF-4) e a custĂłdia do ex-presidente mantida pelos tribunais superiores. “Mesmo preso, Lula poderĂĄ pleitear o registro de sua candidatura. Pela Lei da Ficha

Limpa, ele deverå ter o registro indeferido, pois estå inelegível. Preso, porÊm, não pode praticar atos de campanha eleitoral por estar cumprindo pena em razão de condenação por crimes de corrupção passiva e ocultação de bens. Não hå qualquer possibilidade na legislação penal de um preso conceder entrevistas ou gravar programas para o rådio e para a TV visando à propaganda eleiWRUDO´D¿UPD'DQLHO)DOFmRGR IDP e da USP. CORRESPONDÊNCIA A advogada constitucionalista Vera Chemim explica que, de acordo com o Inciso XV do artigo 41 da Lei de Execução Penal, Lula poderia ter contato com o mundo exterior por meio de correspondência escrita, da leitura e de outros meios de

comunicação. “No entanto, o parĂĄgrafo Ăşnico do mesmo artigo dispĂľe que esse direito em particular poderĂĄ ser suspenso ou restringido por diretor do estabelecimentoâ€?, segue Vera. “Por outro lado, a natureza dos crimes pelos quais ele foi condenado pressupĂľe a suspensĂŁo dos direitos polĂ­ticos, atĂŠ porque ele se encontra preso. Esse ĂŠ o pano de fundo dos argumentos da juĂ­za. Inclusive em razĂŁo da Lei da Ficha Limpa. Caso se entenda que houve excesso ou desvio da execução, ou seja, quando um ato for praWLFDGRDOpPGRVOLPLWHVÂż[DGRV na sentença, o sentenciado ou a sua defesa ou o prĂłprio MinistĂŠrio PĂşblico podem suscitar o incidente do excesso ou desvio de execução conforme preveem os artigos 185 e 186 da Lei de Execução Penalâ€?, avalia.


5

www.brasiliaagora.com.br

BRASĂ?LIA, 15 A 21 DE JULHO DE 2018

OPERAĂ‡ĂƒO MANUS

BRASĂ?LIA AGORA

PRESSĂƒO FOTO: VALTER CAMPANATO/ABR

Justiça Federal concede liberdade a ex-ministro Henrique Alves O juiz Francisco Eduardo Guimarães Farias, titular da 14ª Vara da Justiça Federal no Rio Grande do Norte, concedeu na sexta-feira (13) liberdade provisória ao ex-ministro Henrique Eduardo Alves, que cumpria prisão domiciliar em Natal. O ex-minist ro Ê rÊu no processo da Operação M a nu s , o n d e c o n s t a m denúncias de organização criminosa, lavagem de dinheiro e corrupção passiva. O juiz, na sua decisão, estendeu a Henrique Alves os efeitos da decisão do ministro do Supremo Tribunal Federal Marco AurÊlio Mello, que concedeu habeas corpus ao rÊu Eduardo Cunha no mesmo processo. O advogado Marcelo

Leal, que defende o ex-ministro, disse, por meio de nota, que a decisĂŁo da Justiça Federal atesta a inocĂŞncia de Henrique Alves. “A liberdade de Henrique ĂŠ o coroamento de um processo em que atĂŠ mesmo as testemu n has de acusação e os delatores premiados atestaram a inocĂŞncia de Henrique Alves. O processo estĂĄ no f inal. Hoje serĂĄ ouvido o interrogatĂłrio do Ăşltimo rĂŠu, Eduardo Cunha. Depois disso, vem a fase de requerimento de diliJrQFLDVDOHJDo}HVÂżQDLVH sentença. Estou convicto disso. Foram ouvidas quase 100 testemunhas neste processo e todas, absoluWDPHQWHWRGDVFRQÂżUPDP a inocĂŞncia de Henrique!â€?, ÂżQDOL]RX AgĂŞncia Brasil)

De acordo com Marun, Temer entendeu serem pertinentes alguns dos pleitos colocados por setores “prejudicados�

FOTO: MARCELO CAMARGO/ABR

Governo revogarĂĄ MP que destina recursos da loteria para

segurança

SENTINDO-SE prejudicados com a perda de recursos, os ministĂŠrios da Cultura e do Esporte pressionaram o Executivo

O

ministro da Secretaria de Governo, Carlos Marun, informou na sexta-feira (13) que o governo vai revogar a Medida Provisória 841, que destina recursos das loterias federais para o Fundo Nacional da Segurança Pública (FNSP). Serå editada uma outra medida provisória que atenda aos pleitos dos ministÊrios da Cultura e do Esporte, que se queixaram de perda de recursos com a medida.

Henrique Alves: organização criminosa e lavagem de dinheiro

“O presidente da RepĂşblica [Michel Temer] entendeu serem pertinentes alguns dos pleitos colocados por setores que se sentiram prejudicados pela MP 841 e determinou que houvesse uma reavaliação. Pretendemos chegar a um consenso no governo em relação a essa questĂŁoâ€?, disse Marun em entrevista durante cafĂŠ da manhĂŁ com jornalistas. Segundo o ministro, a ideia ĂŠ que o repasse de recursos para a segurança

OPERAĂ‡ĂƒO PATMOS

Justiça Federal do DF nega habeas corpus a Eduardo Cunha FOTO: WILSON DIAS/ABR

O juiz titular da 10ª Vara da Justiça Federal do Distrito Federal, Vallisney de Souza Oliveira, manteve a prisão preventiva determinada contra o ex-presidente da Câmara Eduardo Cunha (MDB-R J ), no âmbito da Operação Patmos, def lagrada em maio de 2017 com base na delação da JBS. A decisão se då em meio D XPD LQGH¿QLomR GHQWUR GD Justiça Federal do DF sobre quem vai ser o relator dos fatos relacionados a essa operação, que atingiu o presidente Michel Temer, uma vez que tanto Vallisney quanto Marcus Vinicius Reis Bastos, GD�9DUD)HGHUDOD¿UPDP que são os relatores naturais. Uma decisão do Superior Tr ibunal de Justiça (STJ) apontou que, neste pedido HVSHFt¿FRDGHFLVmRFDEHULD a Vallisney. A justiça Federal

do DF, no entanto, disse que LVVRQmRVLJQL¿FDTXHMiHVWi GH¿QLGRTXHRVSURFHVVRVGD 3DWPRV ¿FDUmR QD � 9DUD $ GH¿QLomR TXDQGR KRXYHU Ê importante tambÊm porque SRGHVLJQL¿FDUSDUDTXDOYDUD serå encaminhado o inquÊrito de uma das denúncias que envolveram o presidente Michel Temer e foram barradas na Câmara. A prisão foi determinada após os delatores Joesley Batista e Ricardo Saud apontarem que Eduardo Cunha e Lúcio Funaro receberam dinheiro para se calarem enquanto estivessem na prisão a respeito da possível pråtica de crimes envolvendo o presidente da República, Michel Temer. Para sustentar que a prisão não se justifica, a defesa argumentou que Cunha não representa periculosidade e

Prisão de Eduardo Cunha foi determinada após as delaçþes

que nĂŁo existe risco de continuidade de cometimento de crimes, ao apontar que nĂŁo hĂĄ nenhum indicativo de ilĂ­cito apĂłs o afastamento dele do Parlamento. Ele pontuou que os demais presos da

Operação Patmos jå tinham sido libertados ou passaram a ter medidas menos graves, como o uso de tornozeleira eletrônica. Vallisney disse que, mesmo após 12 meses, a situação não mudou.

pĂşblica nĂŁo seja prejudicado. REPĂšDIO ApĂłs o governo editar e Medida ProvisĂłria 841, no dia 11 de julho, os ministĂŠrios da Cultura e do Esporte divulgaram notas se queixando que a destinação para a segurança pĂşblica vai reduzir recursos recebidos das loterias pelas pastas. “A primeira medida prov isĂłr ia con side r ava que alguns recursos estariam

contingenciados e por isso não chegariam aos beneficiårios. Uma avaliação que fizemos foi no sentido de que esse contingenciamento poderia ser superado durante o ano, então, havia o risco de uma real diminuição dos valores destinados especialmente ao setor de cultura e esporte�, explicou Marun. (Da Agência Brasil)

>> LEIA MAIS no site www.brasiliaagora.com.br

AMERICANO É ACUSADO DE PAGAR US$ 31 MILHĂ•ES A EX-DIRETORES DA PETROBRASE AO MDB A força-tarefa Lava Jato do MinistĂŠrio PĂşblico Federal no ParanĂĄ denunciou na quinta-feira (12) Paul Bragg, ex-CEO d a empresa a mer ica na VantageDr illing, pelos crimes de corrupção ativa e lavagem de dinheiro. Os procuradores apuraram que o executivo, em conjunto com Hsin Chi Su, representante da empresa chinesa TMT, e Hamylton Padilha, lobista que atuava na Petrobras, repassaram aproximadamente US$ 31 milhĂľes a tĂ­tulo de propi na pa r a Jorge Luiz Zelada, ex-diretor internacional da estatal petrolĂ­fera entre 2008 e 2012, Edu a rdo Va z d a Costa Musa (gerente-geral da ĂĄrea internacional ent re 2006 e 2009), e, ainda, ao MDB, “partido

responsĂĄvel pela indicação e manutenção destes em seus respectivos cargosâ€?. Pelos mesmos fatos jĂĄ haviam sido condenados, em 2015, Jorge Zelada e Eduardo Musa, alĂŠm dos lobist as Hamylton Pinheiro Padilha Junior, R au l Sch m idt Fel ip p e Ju nior e JoĂŁo Aug usto Rezende Henriques, dest a c ou a P ro c u r a dor ia . “De acordo com a sentença contra os demais envolvidos, em troca desses valores, Zelada e Eduardo Musa beneficiaram a sociedade amer icana VantageDrilling no contrato de afretamento do n av io - sond a Tit a n iu m Explorer, celebrado com a Petrobras no valor de US$ 1.816 000,00â€?, assinala o MinistĂŠrio PĂşblico Federal.

AUDITORIA APONTA IND�CIOS DE MANIPULAÇÕES

Toda semana impresso www.brasiliaagora.com.br

O BrasĂ­lia Agora oferece serviços grĂĄďŹ cos no Distrito Federal, realizando trabalhos de alta qualidade na impressĂŁo de jornais em vĂĄrios formatos. Antes de imprimir, solicite nosso orçamento.

www.brasiliaagora.com.br

anuncie bsbagora@gmail.com

A Comissão Interna de Apuração instituída pela Petrobrasa partir das investigaçþes da Lava Jato apontou diversas irregularidades neste contrato, como por exemplo a não submissão de pedido à diretoria executiva da estatal para o início das negociaçþes e da contratação; D¿QDOL]DomRGRVWUDEDOKRVGD Comissão de Negociação antes da conclusão do processo de negociação e contratação; a inexistência de provas do recebimento das propostas de todos os fornecedores; a inexistência de elaboração de UHODWyULR¿QDOGDFRQWUDWDomR propostas comerciais enviadas por e-mail, e submissão de relatório incompleto à Diretoria Executiva.

Segundo a força-tarefa da Lava Jato, a auditoria interna da Petrobrasconstatou indícios de manipulaçþes, a pedido de Zelada, dos estudos que indicavam a necessidade da contratação deste navio-sonda, alÊm de falta de governança corporativa adequada ante o não registro de reuniþes de negociaçþes, falta de uniformidade de parâmetros de comparação entre as propostas, falta de prova de anålise da economicidade da redução de taxa em troca de aumento de prazo contratual quando da realização do aditivo contratual, e concessão de extensão de prazo para apresentação do navio-sonda sem aplicação de penalidade.


CIDADE SEGURANÇA PÚBLICA

6

www.brasiliaagora.com.br

BRASĂ?LIA, 15 A 21 DE JULHO DE 2018

CONSTRUÇÕES ILEGAIS FOTO: DÊNIO SIMÕES/AGÊNCIA BRAS�LIA

Balanço aponta menos roubos e mais mortes A Secretaria de Segurança do DF divulgou balanço da criminalidade e aponta que os crimes contra o patrimĂ´nio caĂ­ram em junho deste ano. Roubos a pedestre, em veĂ­culo, transporte coletivo, comĂŠrcio, residĂŞncia e furto em veĂ­culo apresentaram recuo mĂŠdio de 16% em relação ao primeiro semestre de 2017. Dentre esses, a maior queda foi o roubo a casas, que caiu de 456 ocorrĂŞncias para 318. Com relação aos homicĂ­dios, houve aumento em relação a junho de 2017. No ano passado, 37 pessoas foram mortas no perĂ­odo, enquanto agora foram 40. Dentre os assassinos identiďŹ cados, 71% jĂĄ tinham antecedentes criminais. Entre as vĂ­timas, 51% tinham passagem pela polĂ­cia. SOBRADINHO

Karatecas pedem ajuda para ir a mundial no Japão Dois jovens karatecas estão lutando tambÊm fora dos tatames para conseguirem participar do Campeonato Mundial Universitårio, que acontecerå entre 19 e 22 de julho no Japão. Faltando poucos dias para a disputa, Gabriel Hardy, 18, e Ana Paula Ilorca, 20, buscam dinheiro para se sustentarem por uma semana do outro lado do mundo. Os jovens são atletas da Associação Hardy de Karatê, um pequeno centro de convivência em Sobradinho, que oferece aulas gratuitas não apenas de karatê, mas de capoeira e música. Cerca de 100 crianças são atendidas por professores voluntårios.

BRASĂ?LIA AGORA

ENTORNO AGORA ‡POR DIMAS FERREIRA & EQUIPE

Ă GUAS LINDAS DE GOIĂ S

Pavimentação das ruas do Complexo PÊrola

AgeďŹ s apresenta contestação ao pedido do partido e defende a legalidade de suas açþes

TJDFT nega pedido para suspender NOTIFICAĂ‡ĂƒO foi feita pelo PTB ao alegar que a AgeďŹ s estava agindo com violĂŞncia

derrubadas

juiz titular da Vara de Meio Ambiente, Desenvolvimento Urbano e Fundiårio do DF negou o pedido feito pelo Partido Trabalhista Brasileiro (PTB), para que o DF e a Agência de )LVFDOL]DomR $JH¿V  VXVSHQ dessem os atos de demolição e desocupação de construçþes ilegais em núcleos informais, atÊ que estas possam ser regularizadas. O PTB ajuizou ação civil pública na qual fez pedido de urgência e narrou que, de acordo com a legislação fundiåria em vigor, as ocupaçþes LOHJDLVGHYHPVHULGHQWL¿FDGDV e podem ser atÊ ser regularizadas, conforme normas de regularização e classe social dos ocupantes. Segundo o par-

WLGRR')HD$JH¿VHVWDULDP agindo com arbitrariedade na derrubada de construçþes em diversos núcleos informais, razão pela qual suas operaçþes de demolição devem ser suspensas. $$JH¿VDSUHVHQWRXDFRQ testação, defendendo a legalidade de suas açþes, e requereu a improcedência do pedido. O MinistÊrio Público do Distrito Federal e Territórios se manifestou em sentido contrårio ao do pedido do partido e entendeu não haver ilegalidade QDDWLYLGDGHGH¿VFDOL]DomRGD agência. A Defensoria Pública do Distrito Federal, por sua vez, tambÊm apresentou manifestação no processo e argumentou pelo deferimento parcial

O

do pedido do PTB, para proibir as demoliçþes e desocupaçþes desde que a construção nĂŁo tenha causado dano ambiental. Conforme explica o magistrado, “ao se admitir a pretensĂŁo autoral, simplesmente revogar-se-ia, na prĂĄtica, a exigĂŞncia legal de licenciamento prĂŠvio RX SRVWHULRU SDUD HGLÂżFDo}HV em todas as ocupaçþes ilegais ocorrentes no Distrito Federal, proibindo-se o ĂłrgĂŁo fiscalizador de remover construçþes ilegais, inclusive as insuscetĂ­veis de regularização, como as erguidas em ĂĄreas de risco ou em unidades de conservação ambientalâ€?. (Fonte: TJDFT)

>> LEIA MAIS no site www.brasiliaagora.com.br

SENAC

Bolsas de estudos para cursos tÊcnicos O Senac estå com inscriçþes abertas para o processo seletivo de concessão de bolsas de estudo em cursos tÊcnicos. A oportunidade vale para as unidades de Taguatinga, Gama e Ceilândia. São 10 vagas em cada um dos cursos tÊcnicos em Nutrição e DietÊtica, Informåtica, Administração, Secretariado e Contabilidade. Para se inscrever, o candidato deverå comparecer atÊ 20 de julho, na unidade em que serå ofertado o curso. A concessão de bolsas destina-se a pessoas de baixa renda. Para participar, o candidato deve atender aos requisitos de acesso do curso escolhido; estar matriculado ou ser egresso da Educação Båsica (Ensino Fundamental ou Ensino MÊdio); e possuir renda familiar per capita de atÊ dois salårios mínimos. Mais informaçþes: 3313 8877.

Atendendo reivindicaçþes dos moradores do Complexo PĂŠrola, o prefeito Hildo do Candango estĂĄ transformando a realidade da regiĂŁo. Os recursos para execução das obras sĂŁo provenientes do ConvĂŞnio entre a Prefeitura e o Governo do Estado de GoiĂĄs dentro do Programa “GoiĂĄs na Frenteâ€?. O prefeito, que acompanha a execução

de cada etapa da obra informou que foi feito um intenso trabalho de articulação no sentido de destravar os recursos e dificuldades burocrĂĄticas, mas que enfim, o sonho destas comunidades serĂĄ concretizado. “A ansiedade da comunidade em ter este beneficio ĂŠ muito alta e estamos trabalhando para fazer o melhor para todosâ€?, disse o prefeito. FOTO: DIVULGAĂ‡ĂƒO

Obras fazem parte do programa GoiĂĄs na Frente

LUZIĂ‚NIA

Murilo Roriz: um trabalhador do povo O vereador Murilo Roriz estå sendo considerado pelos moradores de Luziânia um trabalhador do povo, um campeão de projetos e de leis aprovados em vigor. Nesses cinco mandatos, o vereador considerado o Rei do CafÊ do Entorno, deixa sua marca e mostra porque

chegou ao cargo. Murilo Roriz Ê um vereador de verdade, da comunidade, um trabalhador do povo, provou seu valor, tem trabalho e mostra o que faz. Sempre realizou, votou e defendeu os projetos de interesse da população, em especial dos mais necessitados.

VALPARAĂ?SO DE GOIĂ S

Prefeitura promove a reforma de quadra esportiva O prefeito Påbio Mossoró iniciou mais uma obra para os moradores do bairro CÊu Azul. Desta vez serå a quadra de esportes que estå recebendo revitalização do piso, da cobertura, dos sistemas hidråulicos, instalação de traves, rede e tabelas. A execução dos serviços tem como objetivo

recuperar e entregar aos valparaisenses, um espaço pĂşblico apto e seguro para a prĂĄtica esportiva, recreativa e de atividades culturais. Para o prefeito, as melhorias irĂŁo garantir um local renovado e digno onde os jovens poderĂŁo praticar modalidades como: futsal, basquetebol, voleibol, dentre outras. FOTO: DIVULGAĂ‡ĂƒO

anuncie GRAFITEIROS

Centro de Dança convoca artistas a mostrar arte O Centro de Dança do Distrito Federal convoca artistas graďŹ teiros do Distrito Federal a mostrar sua arte. O projeto faz parte da temporada Dança e Diversidade, que serĂĄ composta por obras de grafďŹ ti, nas paredes internas do local. A seletiva vai escolher atĂŠ trĂŞs propostas de artistas/grupos do DF. As inscriçþes ďŹ cam abertas atĂŠ 22 de julho, no site do Centro de Dança. Os selecionados devem executar o grafďŹ ti entre os dias 27 e 29 de julho e receberĂŁo o valor de R$ 1 mil para esta entrega, inclusos os gastos com materiais.

bsbagora@gmail.com Quadra de esportes estå recebendo completa revitalização

CIDADE OCIDENTAL

Programa Casamento Comunitårio abre inscriçþes www.brasiliaagora.com.br

O Governo de Cidade Ocidental convida as pessoas que desejam oďŹ cializar sua relação matrimonial a participar do Projeto Casamento ComunitĂĄrio. SerĂŁo abertas vagas para 50 casais e as inscriçþes serĂŁo direcionadas para pessoas inscritas do Cadastro Ăšnico da Secretaria de AssistĂŞncia Social.A Prefeitura

realizarĂĄ a cerimĂ´nia coletiva em data a ser deďŹ nida pela organização, porĂŠm, todas as informaçþes sobre o evento serĂŁo repassadas pela equipe da AssistĂŞncia Social em reuniĂľes periĂłdicas. Para se inscrever no projeto, ĂŠ necessĂĄrio comparecer ao Centro de ReferĂŞncia em AssistĂŞncia Social (CRAS).

‡&217$726entornosul01@gmail.com Telefones: (61) 9 9601-1154 (61) 9 8455-9669


Auditores do MinistĂŠrio do Trabalho e Emprego (MTE) resgataram 19 trabalhadores encontrados em situação degradante em uma colheita de cafĂŠ na regiĂŁo de Alto SĂŁo Francisco, em Minas Gerais. Os representantes do MTE aplicaram 25 infraçþes ao responsĂĄvel pela propriedade, localizada no municĂ­pio de CĂłrrego Danta.O empregador foi autuado para pagar as rescisĂľes dos contratos, no valor de R$ 70 mil, e depositar o FGTS. TambĂŠm foi obrigado a garantir o retorno dos trabalhadores Ă s cidades de origem. As pessoas resgatadas foram recrutadas pelos chamados “gatosâ€? (proďŹ ssionais que fazem a intermediação de força de trabalho), que prometeram o serviço e a restituição do valor da viagem, cerca de R$ 200. Os trabalhadores aderiram sem informaçþes sobre as atividades, as condiçþes, a forma de remuneração e a contratação. O local da colheita nĂŁo tinha banheiros. A ĂĄgua disponĂ­vel era a de uma nascente. As refeiçþes eram preparadas pelos prĂłprios trabalhadores e tinham que ser consumidas no chĂŁo. A jornada nĂŁo tinha controle e o trabalho era organizado pelo que era produzido por cada trabalhador. FOTO: REPRODUĂ‡ĂƒO DA INTERNET

Manuseio do cafĂŠ

DIREITOS E RESPONSABILIDADES

VEĂ?CULOS

Senado aprova lei da proteção LEGISLAĂ‡ĂƒO vai trazer impacto no cotidiano dos cidadĂŁos e das empresas nova lei geral de proteomR GH GDGRV SHVVRDLV DSURYDGD GLD  SHOR 6HQDGRFRORFDR%UDVLO DRODGRGHGH]HQDVGHSDtVHV TXHMiWrPOHJLVODomRVREUHR WHPD FRPR DV QDo}HV HXURSHLDVHERDSDUWHGD$PpULFD GR6XO$RHVWDEHOHFHUGLUHLWRV HUHVSRQVDELOLGDGHVDOHLYDL WUD]HU WDPEpP LPSDFWRV QR FRWLGLDQR GRV FLGDGmRV GH HPSUHVDVHGRVyUJmRVS~EOLFRV2WH[WRDLQGDSUHFLVDVHU VDQFLRQDGR SHOR SUHVLGHQWH 0LFKHO 7HPHU H DV QRYDV UHJUDVVyYmRHQWUDUHPYLJRU GDTXLDXPDQRHPHLR 2WH[WRGHÂżQHGDGRVSHVVRDLV FRPR LQIRUPDo}HV TXH SRGHPLGHQWLÂżFDUDOJXpP QmR VyXPQRPHPDVDLGDGHTXH FUX]DGD FRP XP HQGHUHoR SRVVDUHYHODUTXHVHWUDWDGH GHWHUPLQDGD SHVVRD  $OpP GLVVRGLVFLSOLQDDIRUPDFRPR DV LQIRUPDo}HV VmR WUDWDGDV HP TXDOTXHU VLWXDomR HVSHFLDOPHQWHHPPHLRVGLJLWDLV (VWmRFREHUWDVVLWXDo}HVFRPR FDGDVWURV RX WH[WRV H IRWRV SXEOLFDGRVHPUHGHVVRFLDLV A nova regra tambĂŠm cria RFRQFHLWRGHGDGRVVHQVtYHLV LQIRUPDo}HVVREUHRULJHPUDFLDORXpWQLFDFRQYLFo}HVUHOLJLRVDVRSLQL}HVSROtWLFDVVD~GHRXYLGDVH[XDO5HJLVWURV FRPRHVVHVSDVVDPDWHUQtYHO PDLRUGHSURWHomRSDUDHYLWDU IRUPDV GH GLVFULPLQDomR (VVHWLSRGHFDUDFWHUtVWLFDQmR SRGHUi VHU FRQVLGHUDGR SRU H[HPSORSDUDGLUHFLRQDPHQWR GHDQ~QFLRVSXEOLFLWiULRVVHP

de dados

A

Dados pessoais sĂŁo informaçþes que podem identiďŹ car alguĂŠm

TXH KDMD XP FRQVHQWLPHQWR HVSHFtÂżFRHGHVWDFDGRGRWLWXODU-iUHJLVWURVPpGLFRVQmR SRGHUmRVHUFRPHUFLDOL]DGRV 6HVDQFLRQDGDDOHLYDOHUi SDUDDWLYLGDGHVHSHVVRDVHP WHUULWyULRQDFLRQDOPDVWDPEpP SDUD FROHWDV IHLWDV IRUD GHVGHTXHHVWHMDPUHODFLRQDGDV D EHQV RX VHUYLoRV RIHUWDGRV D EUDVLOHLURV 8P VLWH TXHYHQGHSDFRWHVGHYLDJHQV FRPFRQWH~GRHPSRUWXJXrVH RIHUWDVSDUDEUDVLOHLURVWHULDDV PHVPDVUHVSRQVDELOLGDGHVGH XPDSiJLQDVHGLDGDQRSDtV

TRĂ FICO DE PESSOAS

2XVRGHGDGRVQmRSRGHUi VHU LQGLVFULPLQDGR PDV SDUD XPD ÂżQDOLGDGH GHWHUPLQDGD 8P SUpGLR TXH VROLFLWH QRPH GRVSDLVGHDOJXpPSDUDDFHVVR DR ORFDO SRU H[HPSOR SRGH VHUTXHVWLRQDGR2VÂłWHVWHVGH SHUVRQDOLGDGH´FRPRRDSOLFDGR QR )DFHERRN TXH RULJLQRX R YD]DPHQWR GH GDGRV GH  PLOK}HVGHSHVVRDVXVDGRVSRU XPD HPSHVD SDUD LQĂ€XHQFLDU HOHLo}HVVmRRXWURH[HPSOR

>> LEIA MAIS no site www.brasiliaagora.com.br

SAĂšDE NA UTI

FOTO: REPRODUĂ‡ĂƒO DA INTERNET

Plano de combate a esse tipo de crime Ê aprovado O governo aprovou o 3º Plano Nacional de EnfrentaPHQWR DR 7Ui¿FR GH 3HVVRDV HPGHFUHWRSXEOLFDGRQD~OWLPDVHPDQDQR 'LiULR2¿FLDO da União 2 SODQR UH~QH XP FRQMXQWR GH HL[RV H PHGLGDV SDUD FRPEDWHU HVVD SUiWLFD UHVSRQVDELOL]DUFXOSDGRVHGDU DVVLVWrQFLD jV YtWLPDV SHORV SUy[LPRV TXDWUR DQRV EHP como fortalecer a atuação GDVLQVWLWXLo}HVHQYROYLGDVQD UHSUHVVmRLQFOXLQGRJRYHUQRV SDUODPHQWRV H WULEXQDLV QRV kPELWRV IHGHUDO HVWDGXDO H municipal. O documento recomenda RHVWDEHOHFLPHQWRGHSDUFHULD FRPUHGHVLQWHUQDFLRQDLVSDUD IDFLOLWDU DV LQYHVWLJDo}HV D EXVFDHRUHVJDWHGHEUDVLOHLURV REMHWR GH WUiILFR HP RXWURV SDtVHV'HVWDFDDQHFHVVLGDGH GH IRUWDOHFHU DV HPEDL[DGDV HFRQVXODGRVFRPRSRQWRVGH DFROKLPHQWRGHYtWLPDV (PFDVRVGHQWURGRSDtVR

BRASĂ?LIA AGORA

Formação de servidores e agentes estão entre as açþes contra esse crime

plano aponta a importância de TXDOL¿FDUDUHGHGHDWHQGLPHQWRjVYtWLPDVKXPDQL]DQGRR WUDWDPHQWR UHVSHLWDQGR HVSHFL¿FLGDGHVGHJrQHURHRULHQWDomR VH[XDO EHP FRPR FRP FXLGDGRDROLGDUFRPFULDQoDV HDGROHVFHQWHV 3DUDDOpPGDDVVLVWrQFLDR plano trabalha tambÊm a reinVHUomRGDVSHVVRDVUHVJDWDGDV

QDVRFLHGDGH(QWUHDVPHGLGDV OLVWDGDVHVWmRWDPEpPDLQFOXVmR GH YtWLPDV DR 3URJUDPD 1DFLRQDOGH$FHVVRDR(QVLQR 7pFQLFRH(PSUHJRGR0LQLVWprio da Educação. Como forma GHSUHYHQomRVXJHUHSURMHWRV GH LQFOXVmR GH SHVVRDV PDLV YXOQHUiYHLV GH VHUHP DOYR GH WUD¿FDQWHV HP HVFRODV H SURJUDPDVGHDFHVVRDRHPSUHJR

Mais de 34,2 mil leitos do SUS jå foram fechados Nos últimos oito anos, mais de 34,2 mil leitos de internação da rede pública foram desativados. Em maio de 2010, o Brasil tinha 336 mil leitos para uso exclusivo do Sistema Único de Saúde (SUS), número que caiu para 301 mil em 2018, o que representa uma mÊdia de 12 leitos fechados por dia ao longo do período analisado.Somente nos últimos dois anos, mais de 8 mil unidades foram desativadas. O levantamento foi coordenado pelo Conselho Federal de Medicina (CFM) a partir de dados do Cadastro Nacional de Estabelecimentos de Saúde do MinistÊrio da Saúde. As especialidades com a maior quantidade de leitos fechados, em nível nacional, são psiquiatria, pediatria cirúrgica, obstetrícia e cirurgia geral.

MAIS EDUCAĂ‡ĂƒO

Programa de apoio ao Novo Ensino MÊdio Portaria do MinistÊrio da Educação institui o Programa de Apoio ao Novo Ensino MÊdio, que vai apoiar as secretarias de educação estaduais e do Distrito Federal na elaboração e execução do plano de implementação de novo currículo que contemple a Base Nacional Comum Curricular, e os diferentes itinerårios formativos e a ampliação de carga horåria para mil horas anuais. As secretarias receberão apoio tÊcnico para elaboração, execução e avaliação do Plano de Implementação do Novo Ensino MÊdio, materiais de orientação tÊcnico-pedagógica e de gestão e ferramentas digitais.

VW revela visual do T-Cross que chega em 2019 Depois de praticamente revelar todo o visual do T-Cross, a Volkswagen praticamente acabou com os mistÊrios a respeito do SUV do Polo. O T-Cross serå equipado com o motor 1.0 TSI com 128 cv e 20,4 kgfm de torque quando abastecido com etanol e opçþes de câmbio manual ou automåtico, alÊm da motorização 1.4 TSI com 150 cv e 25,5 kgfm de torque tambÊm com o combustível vegetal. No último caso, o câmbio serå sempre automåtico. A versão nacional do T-Cross serå fabricada em São JosÊ dos Pinhais (PR) a partir de janeiro de 2019, mas serå revelada ao público durante o Salão do Automóvel de São Paulo, em novembro. O modelo deve chegar às ruas brasileiras entre fevereiro e abril do ano que vem para

colocar a Volkswagen no segmento dominado por Honda HR-V, Jeep Renegade, Nissan Kicks, entre outros, custando entre R$ 80 mil e R$ 100 mil. Por falar em rivais, o comprimento do modelo tambĂŠm foi divulgado, sĂŁo 4,19 metros, pouco a mais que os 4,05 metros do Polo e bem menos que os principais do segmento: Honda HR-V e Nissan Kicks (4,29 m), Hyundai Creta (4,27 m) e Jeep Renegade (4,24 m). No entanto, o entre-eixos serĂĄ de 2,69 metros, maior que qualquer um dos rivais de categoria. Para aproveitar melhor o espaço, os bancos poderĂŁo correr atĂŠ 15 cm, de acordo com a Volkswagen. O portamalas terĂĄ espaço para 455 litros (pelo menos na versĂŁo europeia) com os bancos na posição normal e 1.281 litros rebaixados. FOTO: REPRODUĂ‡ĂƒO DA INTERNET

O T-Cross serĂĄ equipado com o motor 1.0 TSI

RENAULT MOSTRA A 1ÂŞ IMAGEM

SUBARU CHAMA

DE SEU INÉDITO SUV-CUPÊ

PARA RECALL O IMPREZA E O OUTBACK

A Renault divulgou o primeiro teaser do seu futuro crossover para mercados emergentes. A marca francesa conďŹ rma que farĂĄ a apresentação oficial do modelo em agosto durante o SalĂŁo Internacional do AutomĂłvel de Moscou, na RĂşssia. Tratado pela Renault como um produtos que une caracterĂ­sticas de utilitĂĄrio esportivo e cupĂŞ o novato serĂĄ fabricado inicialmente na RĂşssia, mas deverĂĄ ser comercializado tambĂŠm na China, Coreia do Sul e no Brasil.

A Subaru do Brasil anuncia um recall dos modelos Outback, ano 2004 a 2006 e Impreza Hatch e Sedan, de 2008 a 2009, devido a um problema relacionado ao sistema de combustĂ­vel. A falha no chicote dos ďŹ os da bomba de combustĂ­vel pode causar diďŹ culdade na partida e atĂŠ desligamento repentino do motor. Caso o motor desligue com o carro em movimento, existe a possibilidade de acidente com lesĂľes graves ou fatais. Mais informaçþes nas concessionĂĄrias Subaru.

FOTO: REPRODUĂ‡ĂƒO DA INTERNET

Trabalhadores em situação degradante

www.brasiliaagora.com.br

BRASĂ?LIA, 15 A 21 DE JULHO DE 2018

CHEVROLET ANUNCIA CHEGADA DA MINIVAN 2019

COLHEITA DE CAFÉ

7

FOTO: REPRODUĂ‡ĂƒO DA INTERNET

NACIONAL

Modelo traz mudanças por dentro e por fora

A minivan Chevrolet Spin chega Ă linha 2019 com mudanças por dentro e por fora. O modelo agora tem sete conďŹ guraçþes, sendo duas inĂŠditas: uma automĂĄtica em versĂŁo mais acessĂ­vel e uma aventureira com opção de sete lugares. A segunda ďŹ leira de bancos deslizante ĂŠ outra novidade. O Spin amplia a lista de itens de segurança e comodidade, inclui aprimoramentos como nova calibração de motor, transmissĂŁo e suspensĂŁo para melhor conforto, desempenho e dinâmica veicular e vem em quatro opçþes de acabamento, LS, LT, LTZ e Activ.

MERCEDES CLASSE A É FLAGRADA EM SP A nova geração do Mercedes-Benz Classe A foi apresentada em fevereiro deste ano e deve chegar ao Brasil em 2019, após ser revelado no Salão do Automóvel de São Paulo ao público brasileiro. Uma das provas desse cronograma estå no

agra feito pela pĂĄgina Brasil Motor Sport no Instagram, que enviou as fotos. Ainda nĂŁo hĂĄ informaçþes sobre as versĂľes no Brasil, na Europa a marca resolveu ignorar a onda de eletriďŹ cação e nĂŁo oferece nenhum Classe A com motores hĂ­bridos ou elĂŠtricos.


8

BRASÍLIA, 15 A 21 DE JULHO DE 2018

www.brasiliaagora.com.br

BRASÍLIA AGORA


www.brasiliaagora.com.br

BrasĂ­lia, 15 a 21 de julho de 2018

V va MAIS

FESTIVAL DE JAZZ NO CANTUCCI O Cantucci BistrĂ´ (403 Norte) aproveita a atmosfera romântica e aconchegante do inverno para apresentar, durante este mĂŞs, o Festival de Jazz no Cantucci, sempre Ă s quintas-feiras, das 19h30 Ă s 22h. No dia 19, o jazz ďŹ ca por conta da dupla Eudes Carvalho (foto) e Eudimar de Carvalho. Mais informaçþes: (61) 3328-5242.

ARTE, CULTURA, LAZER E SOCIEDADE

FOTO: DIVULGAĂ‡ĂƒO

BRASĂ?LIA AGORA

FOTO: DIVULGAĂ‡ĂƒO

Programação serĂĄ dividida por etapas Por se tratar de uma proposta bastante abrangente, JanaĂ­na Mello, gestora e executora pela Ninja Loka Produção explica que a ideia foi dividir a programação em etapas. A primeira delas consiste em palestras com demonstração tĂŠcnica em Ceilândia, SĂŁo SebastiĂŁo, ParanoĂĄ e Taguatinga. “Nelas, o pĂşblico aprende sobre Contato Improvisação, seus princĂ­pios tĂŠcnicos e sua LQĂ€XrQFLDQDGDQoDFRQWHPSRUkQHD´ Em seguida, de 18 de julho a 5 de agosto, aconteFHPDVRÂżFLQDVSDUDLQWHUHVVDGRVHPGDQoDFRQWHPSR rânea e Contato Improvisação. As inscriçþes jĂĄ foram encerradas com um total de 104 inscritos. “O projeto DF Improvisa Dança surgiu dentro do contexto em que a improvisação na dança necessita de veĂ­culos de reconhecimento e difusĂŁo como ĂĄrea de coQKHFLPHQWR´FRPHQWD'DQLHOD%UDJDLGHDOL]DGRUDGD SULPHLUDHGLomRTXHWURX[HD%UDVtOLDQRPHVFRPR Andrew Harwood (CanadĂĄ), Nita Little (EUA), Ray &KXQJ (8$ *XWR0HFHGRH6RUD\D-RUJH %UDVLO 

Objetivo do projeto DF Improvisa Dança Ê promover intercâmbio entre artistas latino-americanos e o público em geral

Festival internacional de dança contemporânea PROJETO DF Improvisa Dança chega à 2ª edição e då atenção especial à modalidade Contato Improvisação com açþes voltadas para o intercâmbio

de espetåculo no contexto da dança contemporânea na AmÊrica Latina. Para isso, o evento propþe DUHDOL]DomRGHUHVLGrQFLDDU tística e atividades artísticopedagógicas, entre os meses de julho e agosto. A primeira rasília vem se consolidando tem como objetivo final a como um importante polo criação e apresentação de GH YLYrQFLD GD GDQoD 3URYD espetåculo de Contato Imdisso Ê que a capital federal provisação, a partir de uma jå sediou inúmeros festivais pesquisa e investigação conacionais e internacionais laborativa com professores e com foco nessa expressão artística. bailarinos convidados. São eles Catalina ChouAgora, abre espaço para o DF Improvisa Dança, projeto que chega a sua hy (Uruguai), Nico Cottet segunda edição e då atenção especial &KLOH 5LFDUGR1HYHV %UD à modalidade Contato Improvisação VLO 5HQ]R=DYDOHWD 3HUX  em formato de festival internacional 6RILD %DUULJD 0RQWHYHUGH com açþes voltadas para o intercâm- (TXDGRU  3DXOD =DFKDULDV bio, capacitação, pesquisa e criação (Argentina) e o Coletivo Tec-

B

Marcos, Funarte, Ă s 20h. JĂĄ a segunda vai proO mover atividades formatiEVENTO PROvas abertas Ă  comunidade e gratuitas, por meio de PĂ•E A RESIDĂŠNCIA oficinas com professores ARTĂ?STICA E ATIVIDAvindos de diferentes regiĂľes DES ARTĂ?STICO-PEda AmĂŠrica do Sul. “O proDAGĂ“GICAS jeto possibilita a troca e o compartilhamento dos processos criativos que a dança contemporânea latino-ametĂ´nica (DF), composto por ULFDQDFRPrQIDVHQR&RQ Camilo Vacallebre, Carol tato Improvisação, desen%DUUHLUR3DWULFLD%UD]$Q volve nas ĂĄreas de pesquisa drĂŠ Kainan, Rosa Schramm, HFULDomRHPSHUIRUPDQFH´ Viviana Rocha. O resultado DILUPDP &DURO %DUUHLUR H final desse encontro serĂĄ Viviana Rocha, produtoras e duas apresentaçþes de um dançarinas do Coletivo TecespetĂĄculo criado a partir W{QLFDUHDOL]DGRUGRIHVWLYDO GHVVDH[SHULrQFLDHPH do DF Improvisa Dança, que 29 de julho, no Teatro PlĂ­nio tem patrocĂ­nio do FAC-DF.

ACESSIBILIDADE A segunda edição do projeto DF Improvisa Dança FRQWHPSODDDFHVVLELOLGDGHFRPPHGLGDVHVSHFt¿FDV aos PNE e tambÊm devido a sua abordagem particular da linguagem da dança – que atravÊs da tÊcnica do Contato Improvisação – permite a criação artística e o desenvolvimento do movimento independente de quaisquer limitaçþes físicas do indivíduo. De acordo com Viviana Rocha, produtora executiva desde a primeira edição do festival, o foco dessa pråtica de dança estå relacionado à capacidade perceptiva, à atenção ao momento, ao espaço e ao próximo. ³$rQIDVHpGDGDDH[SUHVVmRVLQJXODUGHFDGDXP não sendo uma tÊcnica que exige padrþes e formas prÊ-concebidas, celebrando a diversidade e exaltando DSRWrQFLDGDDomRGHFDGDFRUSRHPPRYLPHQWR´ $OpP GLVVR VHUmR SULRUL]DGRV HVSDoRV TXH WH nham planejamento estrutural para acessibilidade de cadeirantes (rampas de acesso, banheiros adaptados, cadeiras e espaços reservados). TambÊm serå disponiELOL]DGDHTXLSHGHDSRLRSDUDJXLiORVHVSDFLDOPHQWH durante as sessþes de improvisação (jam).

SERVIÇO RESIDĂŠNCIA ARTĂ?STICA DATA: de 21 de julho a 27 de julho LOCAL: Centro de Dança do DF Para pesquisadores convidados APRESENTAÇÕES DATA: dias 28 e 29 de julho LOCAL: Teatro PlĂ­nio Marcos - Funarte HORĂ RIO: 20h no dia 28 e 18h no dia 29 de julho INGRESSO: 10,00 (inteira) e 5,00 (meia-entrada) CLASSIFICAĂ‡ĂƒO INDICATIVA: 14 anos AĂ‡ĂƒO FORMATIVA DATA: de 18 a 20 de julho e 31 de julho a 5 de agosto LOCAL: Centro de Dança do DF INGRESSO: entrada franca para pessoas inscritas JAMS DATA: dias 19 e 20/07 - Anexo II Museu da RepĂşblica HORĂ RIO: a partir das 19h INGRESSO: entrada franca, por ordem de chegada DATA: dias 30/07 a 05/08 – Centro de dança HORĂ RIO: a partir das 9h

PAGOD E Sà BAD AOS O PARTIR S A D 22 HOR AS AS SEXTA-FEIRA: ALMOÇO COM FEIJOADA E CAIPIRINHA

FEIJOADA completa especial

CHOP DOSE DUPLA

VENHA TORCER NOS JOGOS DO BRASIL E CONCORRA A Và RIOS PRÊMIOS! SEXTA-FEIRA: À NOITE SERTANEJO A PARTIR DAS 19h 30

SIG QUADRA 03 BLOCO C TELEFONE: (61) 3344-1429


CULTURA

10

www.brasiliaagora.com.br

BRASÍLIA, 15 A 21 DE JULHO DE 2018

FOTO: REPRODUÇÃO DA INTERNET

V va MAIS

NO MUSEU Cia Os Melhores do Mundo apresenta Sexo - A Comédia

De acordo com o artista, show do novo álbum, seu primeiro projeto autoral, traz sonoridade que privilegia a batucada e o samba de raiz

Em Brasília, Diogo Nogueira lança Munduê SAMBISTA traz no repertório ritmos com destaque para o samba com pé no chão, muito batuque e foco na ancestralidade

C

elebrando 10 anos de carreira, o cantor e compositor Diogo Nogueira está na estrada com o show do novo álbum Munduê, seu primeiro projeto inteiramente autoral e que traz sonoridade que privilegia a batucada e o samba de raiz. Com cenário de Helio Eichbauer e luz de Arthur Farinon, o show chega a Brasília neste mês. No repertório, o cantor traz um show com destaque para o samba com pé no chão, com muito batuque, foco na ancestralidade, através de músicas

inéditas de sua autoria e também composições que sempre consagrados com notas ¿]HUDPVXFHVVRHPDUFDUDPDVXDFDUUHLUD+i dez dos jurados, agora chega ESTE muito tempo Diogo Nogueira deixou de ser DR ¿QDO GH VXD SULPHLUD uma promessa para se tornar um de nosdécada de carreira com É O 5º DISCO DE sos maiores sambistas. Honrando o DNA o álbum Munduê. ESTÚDIO DO ARTISTA, KHUGDGRGHXPDGDV¿JXUDVPDLVTXHULGDV Pela primeira vez, MAS, NA ESSÊNCIA, e emblemáticas do samba, o pai João NoDiogo Nogueira assiÉ O 1º SÓ DE gueira, o artista tem levado adiante o bastão na todas as faixas do do gênero sempre buscando se integrar aos álbum. Ao longo de 14 SAMBA novos, sem abandonar a velha guarda ou ceder composições, ele apresenta aos modismos puramente comerciais. parcerias com nomes da nova Após chamar a atenção de Chico Buarque, que lhe geração e dedica o trabalho a deu uma canção inédita (Sou eu), gravou um DVD de clássicos mestres do gênero, como Noel do samba numa viagem a Cuba, promoveu encontros de gerações Rosa, Zeca Pagodinho, Cartola, em seu programa da TV Brasil (Samba na Gamboa), conquistou Candeia, Monarco, Paulinho dois Grammys, emplacou quatro sambas-enredo na Portela, da Viola, Jorge Aragão e Nelson Cavaquinho, entre outros. SERVIÇO Já Martinho da Vila, também saudado, e que terá uma homeLOCAL: Centro de Convenções Ulysses Guimarães; nagem especial durante o show, DATA: dia 21 (sábado); escreveu a elogiosa sinopse. HORÁRIO: a partir das 21h;

INGRESSOS: de R$ 70,00 a R$ 220,00 (valores referentes à meiaentrada); CLASSIFICAÇÃO INDICATIVA: 14 anos; MAIS INFORMAÇÕES: (61) 4101-1121 ou (61) 4101-1230.

>> LEIA MAIS no site www.brasiliaagora.com.br

CAIXA CULTURAL EM CARTAZ A MOSTRA INFANTIL PIA FRAUS Eles são experts quando o assunto é teatro. Um teatro que se mescla com a dança, com as artes plásticas, com o circo e, ainda, explora as linguagens do teatro de bonecos e de máscaras. Há mais de 35 anos, a companhia paulista PiA FraUs faz história no Brasil e no mundo. Eles já

viajaram pelos quatro cantos reforçando sua experiência em mostras nacionais e internacionais com um estilo próprio, que vale-se da força das imagens, da não-linearidade e da relação entre boneco e ator. O grupo chega a Brasília para um intensivão que promete agradar

P ROGRAMAÇÃO ‡OS INCRÍVEIS 2

Quando Helena Pêra é chamada para voltar a lutar contra o crime como a super-heroína Mulher-Elástica, cabe ao seu marido, Roberto, a tarefa de cuidar das crianças, especialmente o bebê Zezé. O que ele não esperava era que o caçula da família também tivesse superpoderes, que surgem sem qualquer controle. ANIMAÇÃO. Não recomendado para menores de 10 ANOS. De Brad Bird. Com Craig T. Nelson, Holly Hunter, Brad Bird. Espaço Itaú de Cinema CasaPark 2 (3D, dublado), às 13h50. Espaço Itaú de Cinema CasaPark 2 (3D), às 16h20, 18h50 e 21h20. Drive-in (dublado), às 19h. Kinoplex Boulevard 1 (3D, dublado), às 15h40, 18h20 e 21h. Kinoplex Boulevard 2 (3D, dublado), às 15h, 17h40 e 20h20. Pátio Brasil Shopping 1 (3D, dublado), às 15h40, 18h20 e 21h. Pátio Brasil Shopping 2 (3D, dublado), às 15h, 17h40 e 20h20. Arcoplex Águas Claras 1 (3D, dublado), às 13h30 e 16h. Arcoplex Águas Claras 3, às 14h30 e 17h. Arcoplex Águas Claras 4 (dublado), às 14h, 16h30, 19h e 21h30. JK Shopping 2 (dublado), às 14h, 16h40, 19h20 e 22h. JK Shopping 3 (3D, dublado), às 13h40, 16h20, 19h e 21h40. Kinoplex ParkShopping 3 (3D, dublado), às 15h40, 18h20 e 21h. Kinoplex ParkShopping 4 (dublado), às 14h40, 17h20 e 20h. Kinoplex ParkShopping 5 (3D, dublado), 15h10, 17h50 e 20h30. Terraço Shopping 3 (3D, dublado), às 15h40, 18h20 e 21h.

crianças e adultos. A Mostra Infantil PiA FraUs trará para capital os espetáculos O Vaqueiro e o Bicho Froxo, Círculo das Baleias e Bichos do Brasil. As apresentações acontecem de 20 a 22 de julho, na Caixa Cultural Brasília (Setor Bancário Sul). Mais informações: (61) 3206-9448.

FOTO: NINO RESENDE

Cena de O Vaqueiro e o Bicho Froxo

O grupo tem um público bastante expressivo por onde passa devido a empatia provocada pelos textos provocativos e engraçados que são personalizados para a cidade onde estão em cartaz, gerando maior identidade com a platéia. SEXO - A COMÉDIA Escrita em 1996, experimentada e amadurecida ao longo de tantos anos, Sexo ganha um novo ritmo, que acompanha o atual andamento da Cia. Improvisos e gags que evidenciam sua maior característica de um humor crítico e veloz, acrescidos de uma habilidade de passear pelo besteirol sem descambar para o vulgar. A peça aborda de forma leve e divertida um dos mais polêmicos assuntos de todos os tempos. Seu texto é dividido em quatro esquetes onde o trabalho dos atores é valorizado por um figurino básico de smoking e alguns poucos adereços e se desenrola sobre um pequeno palco de cabaré, com lampadinhas e tapete vermelho que criam clima para a performance. Mas informações: (61) 3326-0251. FOTO: DIVULGAÇÃO

Texto da comédia é dividido em quatro esquetes

SHOPPING IGUATEMI Pé Palito recebe a exposição Migrações Pé Palito Antiquário & Arte (Shopping Iguatemi Brasília) recebe até esta segunda-feira, 16, a exposição Migrações,, que reúne trabalhos individuais e coletivos do Grupo Criativo Oicos do Ceará. Formado por um Coletivo de amigos envolvidos com o mundo das artes, que convivem trocando ideias e experiências, lançando desafios uns aos outros. Migrações iniciou seu percurso em São Paulo, na galeria de arte contemporânea VERVE, em 2017, uma experiência que comprovou a solidificação de um trabalho fruto do esforço comum.

Uma mistura de diversas linguagens: bordado, pintura, aquarela, escultura, metal, cerâmica, tinta, gravura, tecidos e colagens. A exposição conta com a participação de sete artistas vindos do Ceará, Cecilia Bichucher, Cláudio Quinderé, Nícia Bormann, Túlio Paracampos, Vera Dessart, Vera Sampaio Dessart e Wilson Neto, que adentram, pela primeira vez, o cenário artístico brasiliense. Serão exibidas 30 obras em pintura, aquarela, gravura, colagem, assemblage, bordado e escultura. Mais informações: (61) 3326-8360.

CONFIRA MAIS EM: www.brasiliaagora.com.br

DE CINEMA

DRAMA. Não recomenado para menores de 14 ANOS. De Willy Biondani. Com Sergio Guizé, Débora Nascimento, Otávio Augusto. Cine Cultura Liberty Mall 1, às 15h45 e 19h20. Espaço Itaú de Cinema CasaPark 5, às 13h30, 17h30 e 21h30. Cinemark Pier 8, às 16h45 e 22h.

Terraço Shopping 4 (dublado), às 15h, 17h40 e 20h20. Cinemark Iguatemi 1 (3D, dublado), às 15h45 e 18h30. Cinemark Iguatemi 3 (3D, dublado), às 16h30 e 19h20. Cinemark Iguatemi 6 (3D, dublado), às 12h, 14h45, 17h30 e 20h20. Cinemark Taguatinga Shopping 3 (3D, dublado), às 16h30 e 19h20. Cinemark Taguatinga Shopping 5 (3D, dublado), às 12h, 14h50, 17h50 e 20h40. Cinemark Taguatinga Shopping 7 (3D, dublado), às 13h50, 17h10 e 20h. Cinemark Taguatinga Shopping 8 (3D, dublado), às 15h45 e 18h30. Cinemark Pier 2 (3D, dublado), às 12h10, 15h, 17h50 e 20h40. Cinemark Pier 3 (3D, dublado), às 13h, 15h45, 18h30 e 21h15. Cinemark Pier 11 (3D, dublado), às 14h20, 17h10, 20h. Cinemark Pier 12 (3D, dublado), às 13h40, 16h30, 19h20. Cinemark Pier 12 (3D), às 22h10. Premier Sobradinho Shopping 2 (3D, dublado), às 16h30 e 19h.

‡50 SÃO OS NOVOS 30 Aos 50 anos, Marie-Francine (Valérie Lemercier) está muito velha para o seu emprego e para o marido, que a troca por uma mulher mais nova. Ela volta a morar na casa dos pais, que a tratam de forma infantilizada, e começa a trabalhar em uma pequena loja de cigarros eletrônicos, onde finalmente conhecerá Miguel (Patrick Timsit). Sem admitir, ele está na mesma situação que ela. Com a paixão emergente,

O Museu Nacional da República recebe, dias 21 e 22, (sábado e domingo) a Cia os Melhores do Mundo, com o espetáculo Sexo - A Comédia. A trupe comemora aniversário dia 21 de abril juntamente com a cidade de Brasília, sede da trupe e onde nasceram os espetáculos Notícias Populares, registrado em DVD ao vivo no Canecão, casa de espetáculos mais tradicional da cidade do Rio de Janeiro, e Hermanoteu na Terra de Godah, registrado em DVD no Citibank Hall em São Paulo e que levou mais de 120 mil expectadores a esta grande casa paulista, antes conhecida como Palace. Para finalizar os sucessos documentados Sexo In The City foi o mais recente registro em audiovisual feito na Broadway, em Nova Iorque. Os três espetáculos ficaram anos como os mais assistidos em sites especializados como o Netflix, e foram recorde de bilheteria em diversas cidades por onde passaram com a Companhia, que já se apresentou em todas as capitais do Brasil, sem exceção.

eles precisam abrigar o novo amor sem que nenhum dos dois tenha uma casa própria. COMÉDIA. Não recomendado para menores de 12 ANOS. De Valérie Lemercier. Com Valérie Lemercier, Patrick Timsit, Hélène Vincent. Cine Cultura Liberty Mall 2, às 14h40 e 18h50.

‡ALÉM DO HOMEM Alberto Luppo é um escritor bra-

sileiro que mora em Paris há anos e desde então renega suas raízes tropicais. Quando um famoso antropólogo francês desaparece na cidade de Milho Verde, Minas Gerais, ele volta para sua terra natal e inicia uma investigação para descobrir o paradeiro do velho amigo. No entanto, durante a viagem, ele se encanta pela cultura brasileira, assim como suas terras e sua gente, algo até então impossível para ele.

‡BERENICE PROCURA A taxista Berenice (Claudia Abreu) está acostumada a passar horas e horas pelo trânsito caótico da cidade do Rio de Janeiro e de seu bairro natal, Copacabana. Consumida pela profissão, o pouco tempo que tem de sobra, ela se divide entre a criação do filho Thiago (Caio Manhente), um adolescente descobrindo sua sexualidade, e sua conturbada relação com o marido Domingos (Eduardo Moscovis), um repórter policial. Até que o assassinato de Isabelle (Valentina Sampaio ), uma travesti, na praia de Copacabana, desperta um lado seu investigativo. DRAMA. Não recomendado para menores de 14 ANOS. De Allan Fiterman. Com Vera Holtz, Claudia Abreu, Eduardo Moscovis. Cine Cultura Liberty Mall 1, às 14h e 17h35. Espaço Itaú de Cinema CasaPark 5, às 15h30 e 19h30. ‡OH LUCY! Setsuko Kawashima (Shinobu Terajima) é uma mulher solitária que trabalha em um monótomo escritório em Tóquio. Quando vê que precisa sair da rotina, ela decide estudar inglês, e a partir daí, sua

vida nunca mais é a mesma. Durante as aulas Setsuko descobre sua outra identidade, o alter ego “Lucy”. Enquanto experimenta desejos e situações antes impensáveis, ela precisa lidar com o desaparecimento do seu instrutor John (Josh Hartnett). COMÉDIA. Não recomendado para menores de 16 ANOS. De Amaistsuko Hirayanagi. Com Shinobu Terajima, Shioli Kutsuna, Josh Hartnett. Cine Cultura Liberty Mall 3, às 15h10, 17h10 e 19h.

‡SEXY POR ACIDENTE Renee (Amy Schumer) convive diariamente com insegurança e baixa autoestima por conta de suas formas físicas. Depois de cair e bater a cabeça numa aula de spinning, ela volta a si acreditando ter o corpo que sempre sonhou e assim começa uma nova vida cheia de confiança e sem medo de seguir seus desejos. COMÉDIA. Não recomendado para menores de 12 ANOS. De Abby Kohn, Marc Silverstein. Com Michelle Williams, Amy Schumer, Rory Scovel. Espaço Itaú de Cinema CasaPark 7, às 17h, 19h20 e 21h40. Pátio Brasil Shopping 3 (dublado), às 16h40, 19h e 21h20. JK Shopping 6 (dublado), às 14h15, 16h45, 19h15 e 21h45. Kinoplex ParkShopping 11, as 21h10. Kinoplex ParkShopping 11 (dublado), às 16h20 e 18h40. Cinemark Taguatinga Shopping 1 (dublado), às 12h30, 15h15, 18h e 20h30.


11

ALTA

‡ KÁTIA SLEIDE

V va MAIS

www.brasiliaagora.com.br

BRASÍLIA, 15 A 21 DE JULHO DE 2018

KATIASLEIDEBSBAGORA @GMAIL.COM

FOTO: WILLY BIONDANI

FOTOS: DIVULGAÇÃO

IDÉLLI troca experiências com arquitetos e designers de Brasília A Idélli Brasília promove semanalmente entre os meses de junho e julho uma série de encontros técnicos, a fim de divulgar e orientar arquitetos e designers sobre a qualidade dos produtos comercializados pela grife. Os encontros tiveram o intuito de auxiliar os profissionais na espe-

cificação de armários planejados, além de apresentar os lançamentos recentes realizados pela indústria com atuação nacional. Representando a Mix Arquitetura, a arquiteta Renata Noronha conta o quão necessário é este tipo de abertura das empresas para com os profissionais. “Fi-

VISITA

camos honradas com o convite e surpresas com a quantidade de informação passada durante a reunião. Tudo foi diluído de forma clara e objetiva com a confiança que esperamos de uma marca como essa. Estamos ansiosas pela primeira oportunidade de fazermos negócios juntos”, declara.

O talento incontestável da atriz Denise Fraga poderá ser conferido ao vivo pelos brasilienses no espetáculo A Visita da Velha Senhora, que faz curta temporada nos dias 19, 20, 21 e 22 de julho, no Teatro Unip, na capital. Os ingressos até dia 15 de julho custam R$ 60 (inteira) e R$ 30 (meia). Todas as sessões terão audiodescrição e tradução simultânea em libras.

FOTOS: DIVULGAÇÃO

Aulão de pilates no Paruqe da Cidade Neste fim de semana, das 8h às 10h, o estacionamento 10 do Parque da Cidade será palco de um aulão de Pilates aberto ao público. A atividade funcionará como um aquecimento para o 1º Congresso Mundial de Pilates e para a ExpoPilates, que acontecerão no Centro de Convenções Ulysses Guimarães, entre os dias 20 e 22 desse mês. Os eventos contarão com atrações internacionais do

‡SERVIÇO

GÊMEOS 21/05 A 21/06

Terá mais habilidade e foco com suas finanças. No serviço, não vai faltar jogo de cintura. Em casa, o clima pode ficar tenso. A dois, converse e abra o seu coração. Se está só, pode se apaixonar por alguém que acabou de conhecer.

No serviço, tenha cautela para não perder informações importantes, mas não fale mais do que deve. Boa semana para organizar suas coisas e jogar fora o que não usa mais. Com quem ama, evite assuntos delicados. Invista na paquera!

LEÃO 22/07 A 22/08

Efeito (?), fenômeno oposto ao placebo

(?) do boi, folguedo ilegal no Brasil

Fonte da energia psíquica (Psican.)

VIRGEM 21/08 A 22/09

Tenha mais atenção aos seus gastos. Priorize as tarefas que dependam da sua iniciativa. Terá disposição para batalhar pelo que deseja. No romance, terá que ceder em alguns pontos. A paquera tem tudo para ser movimentada.

Pode ter sucesso em sociedade com amigo. No trabalho, pode ser uma boa hora para negociar aumento de salário. Pode ter boas novas com grana. No amor, seja mais tolerante. Se está só, pode conhecer alguém especial.

Boa semana para fazer cursos. Cuidado com fofocas na vida pessoal e também no ambiente de trabalho, ainda mais se está de olho em um cargo melhor. Pode surgir rivalidade na paquera. A dois, mostre seu lado encantador.

LIBRA 23/09 A 22/10

ESCORPIÃO 23/10 A 21/11

SAGITÁRIO 22/11 A 21/12

Você fará tudo para se entrosar bem com todos, inclusive com os colegas de trabalho. A companhia dos amigos será bem-vinda. Reserve um tempo para repor suas energias. No amor, alguém que mora longe deve despertar seu interesse.

Trabalho em equipe será a chave para alcançar sucesso. Não perca seus objetivos de vista e aproveite para aprender coisas novas. No romance, pegue leve com as críticas. Amigos podem dar uma força na paquera.

Você não poupará esforços para se destacar no serviço. Confie em sua intuição para descobrir quem merece ou não sua confiança. Lance recente pode se tornar mais sério. Anime os momentos a dois com sua criatividade.

CAPRICÓRNIO 22/12 A 21/01

AQUÁRIO 21/01 A 19/02

PEIXES 20/02 A 20/03

Boas novas com dinheiro. Tudo o que for feito em parceria tem mais chances de dar certo. Pode ter atrito nas amizades. Se tem um par, abra o seu coração. Se você está buscando um novo amor, deixe claro que quer compromisso.

Será mais fácil se desapegar e encerrar assuntos pendentes. No trabalho, dedique-se ao que precisa ser feito. Cuide melhor do seu corpo e da sua alimentação. Paixão intensa e ardente. Reforce os laços com seu par.

Pode se dar bem em jogo ou aposta. No serviço, terá mais disposição para ajudar quem precisa. Bom convívio com colegas e família. Há chance de se envolver em romance proibido. A dois, fale dos seus sentimentos.

(?)-sec, variedade de espumante

Coordenada geográfica Cachaça (gíria) Noel Rosa, Golpe do boxe compositor Península Medida na egípcia bula (pl.) Trabalho pago como hora extra Precede o nome de rappers (abrev.) Principal rival do Vitória (fut.)

Ato de excluir do torneio Basta!

"Todo mundo tem seu (?)" (dito)

Peixe fluvial criado em lagos e tanques Vinho da região da Toscana

Serviço de correios veiculado pela FAB

A 14a letra "Rotação", do alfabeto em rpm Planta de (Fís.) produtos dermatológicos Cerveja, em inglês

Lina (?) Bardi, arquiteta ítalo-brasileira Entidade 502, em reguladora romanos da energia nuclear Comiseração

Formato do rodo do crupiê

Próton (símbolo) Vida, em francês Televisão (abrev.)

Ciência usada na análise de dados populacionais Inexequível

BANCO

16

Solução

H

CÂNCER 21/06 A 20/07

TOURO 21/04 A 20/05

© Revistas COQUETEL

Ecossistema como a Mata Atlântica Solvente Título de Exército Hólmio usado por monarca da Brasileiro (símbolo) manicures Abissínia (sigla)

Populari- Romance Rematar Artigo zou o uso policial de (evento) do terno Dashiell de modo definido feminino Hammett glorioso masculino

O

Semana indicada para falar sobre suas ideias no serviço. Terá mais agilidade para tomar decisões. No namoro, controle o ciúme. Na paquera, vai ser o centro das atenções. No romance, vai sonhar com estabilidade.

www.coquetel.com.br

A

ÁRIES 21/03 A 20/04

PALAVRAS CRUZADAS DIRETAS

De 16 a 22 de julho de 2018

F L O R E S T A T R O P I

HORÓSCOPO

Tatiana Calais, Telma Versiane, Isabelle Nogueira e Juliana Visinheski

L

Renata Noronha e Gisele Lemes

mundo do Pilates, workshops, novidades de produtos da área e muito mais. Ao todo, serão dez palestrantes, 500 congressistas, 10 salas simultâneas, 20 horas de capacitação técnica, 10 workshops, seis países representados, 15 expositores, 10 mil m² de espaço físico ocupado; além de R$ 1 milhão em investimentos. A entrada para a ExpoPilates é um quilo de alimento não perecível.

3/uca — vie. 4/beer — demi. 5/negus. 6/nocebo.

DIA: 16/7 (segunda-feira) HORÁRIO : 19h30 LOCAL: Auditório da FGV Brasília – Avenida L2 Norte – Quadra 602. ENTRADA: Gratuita

C

A professora e advogada especialista em direito previdenciário Thais Riedel é presença mais do que confirmada no 2° Fórum de Educação Executiva da Fundação Getúlio Vargas, que acontecerá dia 16/7, segunda-feira, às 19h30, no Auditório da FGV Brasília. O tema deste Fórum será Previdência Complementar do servidor público – migrar ou não? O evento é gratuito e aberto ao público.

atividades dos sócios que selam o Grupo 365, incluindo uma rede com atuação nas áreas de economia colaborativa, gastronomia, esportes, eventos, publicidade e materiais personalizados.

N E E B G U D S E M P I R E E Ç Ã O V T I V E

estará presente no 2° Fórum de Educação Executiva da FGV

de funcionamento do local. Os seletos convidados brindaram com um menu elaborado pela chef Yumi Shibata, do restaurante tradicional nipônico Yuzu-An. A ocasião marcou a expansão das

O C H A N O C R A E N G I T D O E S N T I L A N I A B M I N A B C D O A T I S N V I A

THAIS RIEDEL

O trio de empresários Thiago Masuda, Flávio Hideo e Alexandro Gomes abriram o seu bem sucedido Espaço 365 para um jantar no sábado (14) em comemoração do primeiro ano

C O C F O F A R L O U C A O Ã R O M C B A H E L I T A N E N E S T I

em

365 DIAS


12

BRASÍLIA, 15 A 21 DE JULHO DE 2018

www.brasiliaagora.com.br

V va MAIS

Edição 803 do Jornal Brasília Agora  

Brasília, 15 a 21 de julho de 2018

Edição 803 do Jornal Brasília Agora  

Brasília, 15 a 21 de julho de 2018

Advertisement