Page 1


2

Setembro 2011

www.brasilbest.com


www.brasilbest.com

Setembro 2011

3


4

Setembro 2011

www.brasilbest.com


F

A novA CRISe do CAPItALISMo de gastos com armamentos, ou a manutenção/implementação de benefícios sociais, não encontram eco na maioria dos congressistas americanos.

icaram famosas no meio político nacional as palavras de Juracy Magalhães, um dos tenentes dos anos 20 e participante do golpe militar de 1964, que, inquirido sobre as condições em que assumia, em junho de 1964, o posto de embaixador brasileiro em Washington, respondeu: “O Brasil fez duas guerras como aliado dos Estados Unidos e nunca se arrependeu. Por isso eu digo que é o que bom para os Estados Unidos é bom para o Brasil”. Passaram-se muitos anos a partir de então, mas a última frase seguiu sendo exemplificativa de um certo tom de subserviência que, ao longo do tempo, vem marcando as relações entre Brasil e Estados Unidos, sendo também um emblema para posturas de exagerado louvor à América, notadamente por parte da mídia majoritária em nosso país. Essas considerações me vêm a propósito da atual situação por que passam os americanos, mergulhados em uma crise sem precedentes e de difícil equacionamento. O jornalista Paul Krugman , conceituado colunista do “New York Times”, chega a mencionar que a evolução do problema poderá “empurrar os EUA para um padrão República de Bananas”, acrescentando que o desfecho final dos desentendimentos que redundaram em um discutível acordo, “põe todo o sistema de governabilidade em questão”. Voltando à frase de Juracy Magalhães, ela não surgiu do nada. Na realidade, foi cunhada a partir de uma outra, de Charles Erwin Wilson, um manda-chuva da General Motors que, nomeado Secretário de Defesa pelo governo Eisenhower, teria dito, no Senado americano, que “o que é bom para a General Motors é bom para os Estados Unidos, e vice-versa”. Ela também mereceu divertida versão do Presidente Lula que, interrogado (em sua primeira visita a Washington) sobre as ligações entre o PT e o regime comunista da China, respondeu : “Eu não conhecia a China muito bem, até que o governo americano fez da China seu parceiro comercial preferencial. E eu pensei comigo mesmo: se é bom para os americanos, deve ser bom para os brasileiros.”

LAW OFFICES OF

Decididamente, o que é bom para os republicanos americanos não é bom para os brasileiros. Precisamos, por isso, ficar atentos. E faço essa observação porque não é difícil perceber ligações ideológicas entre o que pensam os políticos americanos mais retrógrados e o que defendem, em nossa política, os segmentos derrotados nas últimas eleições e encastelados na oposição, sustentados pela grande mídia. Aqui também se reage às ações que buscam vincular às atividades do Estados às causas populares. E aqui também, perigosamente, se tenta, pelo viés da instauração de um clima de ingovernabilidade, evitar o prosseguimento de políticas voltadas para as grandes causas sociais. Penso que os Estados Unidos e os outros endividados países da Europa (Grécia, Espanha, Portugal, Itália, etc) estão pagando o preço devido pela atual versão do capitalismo, o preço de um liberalismo que se quer absoluto e que, em nome das leis de um mercado elevado à condição de Deus, dispensa preocupações sociais e reduz a quase zero os valores humanitários. A crise americana é (mais uma) crise do capitalismo. Realmente, pelas suas dimensões, pode provocar consequências sem precedentes, inclusive em nosso país, dado o perverso sistema de vasos comunicantes que interliga planetariamente o fato econômico. A desarticulação de uma economia (mesmo localizada) enfraquece a todos. Por isso, é preciso muito cuidado para não embarcarmos, aqui, nesse navio em vias de afundar.

PATRICK D. GOGGIN Advogado e Mediador • Acidentes e Morte por Ato Ilícito • Imperícia Médica • Aconselhamento Legal para Pequenos Negócios • Immigration Specialist Referrals

Atendimento em Português, Espanhol e Inglês

Primeira consulta de 20 minutos

Grátis!

www.brazcreative.com

Mundo

(415) 981-9290 870 Market St. Suite 1148, San Francisco CA, 94102 pgoggin7@pacbell.net

Não sou dos que acreditam na morte das ideologias. Não acho, por exemplo que , com a queda do muro de Berlin, caíram os valores socialistas. Os próprios alemães, que derrubaram o muro, não fizeram os mesmo com as estátuas dos filósofos Marx e Engels, que lá estão, em Berlin, como objeto de diária romaria dos simpatizantes. Porque uma coisa é a prática indevida, a ação nefasta, que deve ser rejeitada, e outra coisa são as ideias que preconizam a redenção das grandes massa humanas no sentido da superação das injustiças, ideais imorredouros enquanto perdurarem as desigualdades sociais.

Penso que o panorama que agora se vislumbra na economia americana permite a construção de uma nova frase , que parodia todas as anteriores: definitivamente, o que está sendo um mal para os EUA não pode vir a ser um mal para o Brasil.

Obama, é óbvio, está longe de ser socialista. As soluções que propõe buscam apenas minimizar ou mascarar as perversidades de um sistema fundado no capital. Mas enfrenta uma turma que até se arrisca a perder os dedos, por não querer ceder os anéis...

Obama está sendo empurrado contra a parede e derrotado em suas intenções por um segmento cujo fundamentalismo econômico abomina os valores sociais. A presença crescente, nas grandes decisões nacionais, do “Tea Party” – grupo ultradireitista, que prega a diminuição do Estado e radicaliza em relação à imigração e à religião - aponta para o ideários de uma sociedade cada vez mais fechada e avessa aos interesses dos menos favorecidos. Questões básicas, como a aplicação de maiores impostos às grandes fortunas, ou a retirada de incentivos fiscais à indústria de petróleo, ou a diminuição

E eu fico, aqui, com as palavras de Eduardo Galeano, escritor e pensador uruguaio, que, num misto de visão profética, construção poética e convite à prática política, afirma que o sistema neoliberal não é o único possível e diz pressentir que há, mesmo neste mundo enlouquecido e infame , a gestação de um outro, uma gestação difícil , mas que vingará. Não sei se a minha geração assistirá a esse nascimento, mas é nisso que, firmemente, deposito todas as minhas crenças.

por Rodolpho Motta lima www.diretodaredacao.com

AMERICAS TRAVEL A AGÊNCIA NÚMERO 1 PARA O BRASIL! WWW.AMERICASTRAVEL.NET CST # 2064111-40

ONDE VOCE ENCONTRA OS MELHORES PREÇOS PARA O BRASIL. A ÚNICA AGÊNCIA NA BAY AREA QUE TEM CONTRATOS COM TODAS AS COMPANHIAS AÉREAS

TARIFAS ESPECIAS AMERICAS TRAVEL RIO / SAO PAULO / BELO HORIZONTE / SALVADOR RECIFE / FORTALEZA E OUTRAS CIDADES

OS MELHORES PREÇOS PARA A AMÉRICA LATINA!

(415) 703-9955 / 888-703 9955 348 Hayes St, San Francisco, CA 94102

www.brasilbest.com

Temos preços especias do Brasil para os EUA

www.brazcreative.com

TAM+ AMERICAN+ CONTINENTAL +UNITED + DELTA +KOREAN +LAN CHILE + ETC.

AMERICAS TRAVEL Número Um na America Latina

Setembro 2011

5


Editorial

Boas notícias para os ilegais. Finalmente!

Inacreditável Algo de bom aconteceu para os imigrantes ilegais! Depois de quase uma década de opressão, racismo e injustiças; os imigrantes ilegais nos Estados Unidos finalmente tem algo para comemorar. A primeira boa notícia foi no mês passado, quando o ICE (divisão do serviço de imigração responsável por busca e captura de indocumentados) foi orientado a não prender imigrantes ilegais que tenham famílias, filhos americanos, crianças, estudantes, idosos e mulheres grávidas. A mais recente boa notícia - o presidente Obama anunciou que irá suspender a deportação de imigrantes ilegais que não tenham antecedentes criminais, beneficiando à quase 300 mil ilegais (e suas respectivas famílias). Isso vem a premiar o esforço, coragem e determinação daqueles imigrantes que resistiram, não perderam a esperança, e aqui permaneceram. Vale lembrar que apesar dos tempos difíceis de hoje, vida de imigrante nunca foi (e nunca será) fácil. Essa é a prova real de que não se pode perder a esperança… E nunca desistir de seu sonho! Fotografia: Igor Capibaribe

E vamos seguindo em frente!

- Celso Braz

Índice

Setembro 2011

Arte - Maria Matheus

Obama suspende deportações

650-204-9940 - ph I 415-259-5752 - fax contact@brasilbest.com I www.brasilbest.com 7 Surrey Lane, San Rafael, CA 94903

6

Setembro 2011

Bruno & Marrone em SF

17

Entrevista com “José Neto”

13

12

9

Publisher/Executive Editor: Celso Braz Contributing Writers: Vina Schneider, Claudio Lemos, Bruno Seixas Gustavo Lino, Deborah Leite, Rosy Cavalcante, Roberto Lima, Alysson Antunes Translation: Jaqueline Jacques Contributing Photographers: Fred Pompermayer, Igor Capibaribe

BrasilBest, BrasilBest.com © 1999 Art Director/Designer: Celso Braz Designers: Lucianna Queiroz, Luciana Barbosa Wildt, Suzy Kieninger San Diego: Christine Portela I Los Angeles: Fabricio Nobre I Miami: Carlos Borges Hawaii: Nuremberg Santanna, Ricardo Taveira, Hilton Alves ALL RIGHTS RESERVED. No part of this publication may be reproduced, stored in a retrieval system, or transmitted in any form or by any means, eletronic, mechanical, photocopying, recording or otherwise without the prior written permission of the publisher and the author.

www.brasilbest.com


Economia

Imoveis debaixo dagua nos EUA

M

E um desses problemas cruciais que afetam o cidadão no que ele tem de mais sensível é a questão da casa própria. Em poucas e resumidas palavras, como costuma escrever o nosso Roberto Porto, a maioria dos imóveis, cujos financiamentos são garantidos por hipotecas bancárias, estão underwater, na linguagem do mercado imobiliário dos gringos. O que vem a ser o underwater? O fenômeno acontece quando o saldo da dívida hipotecária é maior do que o valor de mercado do imóvel.  Ou seja, o imóvel está out of the money (fora do preço). O cidadão paga uma prestação mensal por uma casa que dificilmente vai voltar algum dia a valer o preço original.

business services www.rcbusiness-services.com

Trocando em miúdos, o banco limpa o seu balanço e o devedor se livra do mico preto.   Quem perde, no final das contas, é o governo que acaba absorvendo o prejuízo. O negócio é tão esquisito que há casos de proprietários que recompram seu próprio imóvel, bem abaixo do que deviam, usando um testa de ferro na operação. Mas o grande perdedor mesmo é o mercado de bens imóveis, cuja chance de recuperação é quase zero. Como o banco dispõe desse instrumento que lhe permite passar adiante o prejuízo, ele está pouco se lixando para o mercado. Daí, ele se livra dos devedores incômodos, aceitando propostas de venda naturalmente abaixo do que lhe é devido.  Bom para os investidores que compram a preço de banana, porque sabem que mais baixo que os atuais, os preços não podem ficar. E qualquer subida no mercado, por menor que seja, vai lhe dar um ganho superior aos investimentos tradicionais.

The Income Tax Specialist • Serviços Consulares Consular Services

• Procurações

Power of Attorney

• Reconhecimentos de Firma - Notary • Traduções

www.brazcreative.com

A encrenca criada pelos republicanos para imprensar Obama, na questão do teto da dívida, nada mais fez do que revelar ao  mundo como o país está vulnerável economicamente e liderado por politicos inconsequentes,  mais preocupados em manter ou retomar a Casa Branca no ano que vem do que com o bem estar do povo.  

Translations

• Seguro Saúde

Health Insurance

8484 Wilshire Blvd. #745 Beverly Hills, CA 90211 rcbusiness@sbcglobal.net

323 - 651- 2185 (P) 323 - 651- 2730 (F)

Investidores estrangeiros, sobretudo brasileiros, descobriram que comprar imóvel em Miami, por exemplo, é um negócio da China. E isso virou uma febre. O que se comenta nas empresas imobiliárias das cidades do sul da Flórida é que os ricos de São Paulo estão dsembarcando com as malas cheias na Collins Avenue e em outros locais nobres da cidade. Há histórias de prédios de alto luxo, com apartamentos na beira da praia, cujo preço médio é 3 milhões de reais,  onde há vários compradores brasileiros, todos unânimes em afirmar que está muito mais barato comprar em Miami do que no Rio ou em São Paulo.

Há histórias de prédios de alto luxo, com apartamentos na beira da praia, cujo preço médio é 3 milhões de reais, onde há vários compradores brasileiros, todos unânimes em afirmar que está muito mais barato comprar em Miami do que no Rio ou em São Paulo.

Com o tempo, mesmo entre aqueles que tinham condições de pagar as prestações, o número de desistências foi crescendo, sobretudo depois que o governo autorizou os bancos a aceitarem a venda por Enquanto a brasileirada faz a festa, não custa lembrar preço inferior ao saldo hipotecário. Virou algo parecido que, onde existe a febre da novidade, há espertalhões com uma desobediência civil. querendo se aproveitar dos mais ingênuos. Essa operação, chamada de short sale, virou uma Esta semana, um fiel leitor do DR, residente no Rio, festa para aqueles que estavam com seus imóveis contou-me que alguém lhe ofereceu um imóvel em underwater. Segundo as normas, basta que o devedor Fort Lauderdale, Flórida, com preço de pai para filho, se torne insolvente, comunique ao banco que não tem mas queria 100 mil reais de sinal para garantir o direito mais condições de pagar e entregue o imóvel a um de  preferência na compra.  Desconfiado, nosso leitor corretor para a venda. colheu informações com um amigo lá residente e acabou Evidentemente, esse imóvel vai ser vendido pelo descobrindo que a história não passava de um golpe.  valor de mercado, muito menos que o saldo do Portanto, leitor amigo,  olho vivo com as ofertas financiamento. E os bancos, como não perdem nunca, mirabolantes que andam por aí. Ninguém dá nada de são autorizados a “perdoar” a diferença, repassando-a graça a alguém. E se fosse tão bom negócio, por que não ao devedor, como se fosse uma entrada de capital.  Este, ficar com ele? por sua vez, declara ao imposto de renda que “ganhou”

por Eliakim Araujo

www.diretodaredacao.com

www.brasilbest.com

RC

aquela quantia “perdoada” pelo banco, mas perdeu muito mais na diferença entre o preço que pagou e o preço de venda. E empurra o rombo em sua declaração ao Imposto de Renda.

ergulhado nessa fantástica confusão politico-econômica, os Estados Unidos estão longe de resolver os problemas cruciais que afetam diretamente o cidadão em seu dia a dia.

No início da crise, final de 2007 até o final de 2008, os imóveis começaram a ser devolvidos ou retomados pelos bancos de devedores insolventes, aqueles que realmente não tinham como pagar, ou porque perderam o emprego ou tiveram uma redução em seus ganhos.

ANUNCIE MELHOR, ANUNCIE BRASILBEST! Aqui seu anúncio é mais bonito, pontual, e também sai na internet! Fale com a gente: Ligue 650-204-9940 I contact@brasilbest.com

Setembro 2011

7


Para onde vamos?

Brasil

Crise mundial e a preocupação da ecônomia brasileira

C

hega a ser irônico que justo quando o Brasil inicia um ciclo de crescimento sustentável, capaz de reduzir significativamente suas desigualdades históricas, que muitos jamais imaginavam testemunhar, o mundo entre numa crise assustadora, de futuro sombrio, que ameaça toda a humanidade. É bem verdade que o Brasil está mais preparado para enfrentar as crises internacionais, como o fez em 2008, mas ninguém passa incólume a uma depressão mundial, pois as economias estão todas interligadas e já não existem ilhas de prosperidade. A ameaça de tempos negros pela frente, aliás, seria uma oportunidade para o governo brasileiro intervir ainda mais na economia, com medidas monetárias, como a redução da exagerada taxa de juros e o controle dos fluxos de capital. Mesmo sem lançar mão de todos os recursos de que dispõe, o Brasil vai fazendo o que lhe cabe, sem vergonha da intervenção estatal, justamente para evitar o conto neoliberal que levou o mundo ao desastre que estamos presenciando. Já foi assim em 2008, quando os bancos públicos mantiveram o crédito irrigado diante do recuo da banca privada, cujas preocupações não vão além dos balancetes e ficam distantes das necessidades do país.

Como descreveu a sempre lúcida economista Maria da Conceição Tavares, a crise neoliberal está sob o comando ultra neoliberal.

Mesmo sem lançar mão de todos os recursos de que dispõe, o Brasil vai fazendo o que lhe cabe, sem vergonha da intervenção estatal, justamente para evitar o conto neoliberal que levou o mundo ao desastre que estamos presenciando.

Não é mais possível aceitar o receituário de aperto fiscal, pois a lógica neoliberal se revelou insustentável e está fazendo água por todos os lados. A liberdade total aos mercados e completa desregulamentação financeira não propiciou os ganhos que prometia, a não ser para as raposas que tomaram conta do galinheiro. Estas comeram a se fartar até que acabaram as galinhas. O modelo era tão voraz que não se preocupava nem com o seu próprio futuro. O problema maior é que o comando da situação continua com os mesmos atores. A crise de 2008 não os tirou de cena. Ao contrário, foram socorridos com dinheiro público e continuam dando as cartas. A Standard & Poors rebaixou as notas das gigantes hipotecárias Fannie Mae e Freddie Mac, protagonistas da crise do subprime. A Fannie Mae teve prejuízo de US$ 6,5 bilhões no primeiro trimestre do ano e pediu novo aporte ao Tesouro norteamericano. E assim la nave va. Os Estados nacionais, por sua vez, se enfraqueceram e faltam lideranças fortes. Europa e Estados Unidos estão em declínio, e não serão personagens como o reacionário Sarkozy, o bufão Berlusconi, o insosso David Cameron e o decepcionante Obama que mudarão tal situação.

8

Setembro 2011

O saldo são serviços públicos cortados, direitos sociais extintos, desemprego e revolta. Que eclode nas ruas de Londres e da Europa dita periférica e tende a se alastrar. Conceição Tavares acha que a crise atual está próxima da depressão do final do século 19, que desembocou na 1ª Guerra Mundial e resultou na 2ª. Paulo Nogueira Batista, representante do Brasil e de mais oito países sul-americanos e caribenhos no FMI, prevê período difícil e prolongado na economia mundial e nas relações internacionais. “A primeira metade do século 21 poderá se revelar tão turbulenta e violenta quanto a primeira metade do século 20”, escreveu. O mundo parece à beira de um conflito de grandes proporções e, desta vez, não serão necessários historiadores para explicá-lo posteriormente. A história está se passando à nossa frente com transparência cristalina e ninguém poderá dizer que foi surpreendido pelos acontecimentos.

por Mair Pena Neto www.diretodaredacao.com

ANUNCIE MELHOR, ANUNCIE BRASILBEST! Aqui seu anúncio é mais bonito, pontual, e também sai na internet! Fale com a gente: Ligue 650-204-9940 I contact@brasilbest.com

www.brasilbest.com


Imigração

N

OBAMA SUSPENDE DEPORTAÇÕES

300 mil ilegais serão beneficiados

o mesmo dia em que o presidente Barack Obama chegou a Massachusetts, para férias de 10 dias, a administração federal anunciou mudanças no ramo da imigração.

A secretária de Segurança Nacional, Janet Napolitano, anunciou hoje que pretende suspender todas as deportações dos imigrantes que não tenham antecedentes criminais nos EUA. Isso vale para os cerca de 300 mil trabalhadores que já tenham processo de deportação aberto no sistema judicial. Os Departamentos de Segurança Nacional e de Justiça, disse Napolitano, já iniciaram uma revisão de todos os processos. Quem tiver ficha criminal limpa poderá até receber a chance de requisitar a autorização de trabalho. Na prática, o anúncio significa que milhares de imigrantes podem receber a autorização para permanecer nos EUA indefinidamente. A mudanças não dependem da aprovação do Congresso americano, já que representam uma ação administrativa dos Departamentos de Segurança Nacional e de Justiça. Todos os imigrantes que estejam em situação irregular nos EUA, mas que não estejam em processo deportação, não se qualificariam num primeiro momento. Outro grupo que estaria protegido pelas mudanças anunciadas serão os jovens estudantes. O requisitos para eles é o seguinte: todo jovem que tenha entrado nos EUA antes dos 16 anos, que more aqui por mais de 5 anos, tenha idade abaixo de 29 anos e se forme no Segundograu e possa cursar 2 anos de faculdade, ou 2 anos de serviço military, estaria qualificado para se regularizar no país. Ainda não foi anunciado como será o procedimento para o jovem iniciar a sua regularização. O objetivo do governo federal é esvaziar os tribunais de todo o país, e focalizar todos os recursos do Departamento de Imigração na prisão e julgamento de imigrantes criminosos.

Cronologia: - No inverno de 2010, o governo já tinha anunciado que tinha o interesse de suspender deportações; - Em junho, o diretor-feral do ICE, John Morton, já tinha anunciado que iria usar de discreção para só prender imigrantes criminosos;

- O comércio em geral, que vai ter um público mais seguro; As companhias aéreas ainda não se beneficiam, pois não vai ser liberado o green card.

OBJETIVO: - Agilizar o sistema judiciário; - Punir os imigrantes criminosos com mais rapidez; - Dar chance aos imigrantes de permanecerem no país até que haja uma legalização; Por que não liberaram o green card para todos os imigrantes? Porque o governo federal dá ao Congresso o poder de mudar as leis de imigração. Se a administração Obama tentar fazer tudo sozinha, ela pode causar uma reação negativa do povo americano. Até porque o tema imigração abrange a fronteira, os aeroportos e muitos outros assuntos.

Recentemente, Obama voltou à carga para aprovação de uma reforma que coloque os 11 milhões de indocumentados dentro da lei, desde que preencham certos requisitos como pagar multa por ter infringido a lei, ter bons antecedentes criminais e provar que se comunicam em inglês.

- Em julho, Lamar Smith (Texas) o líder republicano do Comitê de Imigração da Câmara, apresentou proposta para impedir que o governo escolha quem vai deportar. Essa lei não ganhou adeptos.

Falta ainda saber quando os outros imigrantes, que não tenham processo de deportação, poderão aplicar para se regularizarem no país também;

Além do imigrante, quem mais se beneficia? - Os estados, que vão arrecadar mais impostos; - Patrões dos imigrantes, que vão manter trabalhadores por mais tempo;

www.brasilbest.com

por Eduardo de Oliveira

Setembro 2011

9


10

Setembro 2011

www.brasilbest.com


www.brasilbest.com

Setembro 2011

11


ARTE i Maria Matheus Formada em arquitetura atuou como designer na galeria Anos 50 em São Paulo, no período de 1985 a 1995. Participou de exposições individuais e coletivas, junto a artistas como Nelson Lerner, Tomie Ohtake, Yutaka Toyota, Yvete Ko dentre outros. A possibilidade de dividir sua vida entre o Brasil / Paraty e o Estados Unidos / Bayfield, permitiu a sua volta às artes plásticas. Seu trabalho assinado como Maria Santeira, reflete sua opção temática, o sagrado como tema predominante. Maria Matheus, tem participado de salões no Brasil e exposições coletivas na França e no Brasil. Atualmente seu trabalho pode ser visto no Centro Cultural de Washburn –WI, nos Estados Unidos na exposição individual http://mariamatheusmailart.blogspot.com

12

Setembro 2011

www.brasilbest.com


Música

Entrevista com josé neto

tocou com santana e eric clapton

A

BrasilBest teve a honra e o privilégio de entrevistar um dos músicos brasileiros mais importantes e reconhecidos no mundo: o guitarrista e Diretor Musical José Neto. Além de músico virtuoso e dono de um enorme talento, José Neto é uma figura humana fantástica. - Quando despertou seu interesse pela música? Quando criança, meu pai me levava para as reuniões de fundo de quintal na nossa vizinhança, no Itaim Bibi em São Paulo. Daí, mais ou menos aos 8 anos tive meu primeiro professor de violão. Minha mãe também tocava, assim como minha prima, a qual eu visitava bem depois de sua aula... para aprender tudo que ela havia aprendido. Nossas festas familiares eram repletas de música, todo mundo tocava algúm instrumento. Aos 14 anos já sentia a música como meu futuro e comecei meu curso de violão na Academia Paulista de música, onde me formei.

- Mencione uma pessoa importante na carreira.

- Quando e porque você veio para a América?

Harry Belafonte e todos os meus professores.

Quando me tornei professor do CLAM (escola musical do Zimbo Trio) e já havia tocado bastante em São Paulo, comecei a pensar em passar um tempo na Berklee escola musical em Boston.

- Qual foi o momento mais marcante de sua carreira?

Chegei em Boston com um visto de estudante. Resolvi mudar para Nova York e começar minha carreira nos Estados Unidos, pois já sentia a necessidade de tocar e me apresentar com os músicos de nível internacional. - Como foi sua recepção e integração com os músicos e a música americana? Através de “jam sessions” tive a oportunidade de conhecer grandes músicos como Herbie Mann, Dom Salvador entre outros, que me receberam de braços abertos. ... Fui recomendado para uma audição com Harry Belafonte, com quem permaneci durante 25 anos como guitarrista e também diretor musical. Como guitarrista brasileiro sempre fui muito valorizado, sobretudo pela versatilidade de tocar vários estilos: Jazz, Rock, Clássico e música Africana. Sempre me dediquei a musica americana.

www.brasilbest.com

A colaboração musical de oito anos com Steve Winwood, com quem escrevi e gravei 9 músicas, seus dois últimos cds (About Time - 2003, Nine Lives - 2005) e com quem toco até hoje. Em outubro estaremos excurcionando na Austrália por 3 semanas, em combinação com o grupo “Steely Dan”. - Mencione algúns nomes com os quais você já tocou. Já toquei com Eric Clapton, Carlos Santana, Airto Moreira e Flora Purim. - Qual são seus maiores ídolos? Jimi Hendrix, Beatles, Tom Jobim, Milton Nascimento. - Qual é o seu maior sonho? Meu sonho é continuar tocando pelo mundo com a “José Neto Band” e contribuindo para os músicos e a humanidade, com todo meu potencial artístico.

por Celso Braz

ANUNCIE MELHOR, ANUNCIE BRASILBEST! Aqui seu anúncio é mais bonito, pontual, e também sai na internet! Fale com a gente: Ligue 650-204-9940 I contact@brasilbest.com

Setembro 2011

13


Cinema

“Não

se preocupe, nada vai dar certo“

Q

Aliás, falando em artista militante, vale atentar para a forma como Não se Preocupe, Nada Vai Dar Certo mostra e problematiza o dinheiro. As primeiras cédulas, de real, surgem na rinha de galo; o azul das notas de R$ 100 agitadas no alto se destaca no calor e no marrom da briga. Depois aparecem os dólares - é engraçado como os personagens enchem a boca pra falar “dólares”, como se ainda estivéssemos deslumbrados com a abertura do Plano Collor - que o guru indiano oferece para seus seguidores, mulheres malhadas e gordos flamboyants, esconderem em suas partes íntimas.

uando Hugo Carvana dirigiu Apolônio Brasil, Campeão da Alegria, lançado em 2003, o cinema nacional ainda não tinha feito as pazes com as comédias de situação e os pastelões, processo que desde 2006, quando estreou Se Eu Fosse Você, só tem se fortalecido nas bilheterias. Naquele filme, Carvana fazia a defesa de um tipo de humor em desuso nas telas, em sintonia com a nossa tradição da chanchada - e, embora ninguém tenha visto Apolônio Brasil, a defesa funcionou. O que torna, automaticamente, um filme como Não se Preocupe, Nada Vai Dar Certo um produto anacrônico em 2011.

É como se os dólares fossem o metal vil, o escuso, a verba oficial, enquanto os reais tivessem a legitimidade do suor do povo. Esta é uma comédia sobre golpistas, obviamente trata de dinheiro, mas fica a impressão de que o discurso pela preservação da velha comédia na verdade reivindica, com algum ressentimento, uma compensação na hoje gorda fatura da comédia nacional.

O oitavo longa de Carvana acompanha Ramon (Tarcísio Meira) e Lalau Velasco (Gregório Duvivier), duas gerações de atores. Como a Caravana Rolidei há tempos imemoráveis, pai e filho viajam o país com seu show de humor itinerantae, a bordo de uma kombi. Lalau faz o stand-up, com um repertório que satiriza o pai, enquanto Ramon “se mete em cagadas”, como ele diz.

por Bárbara de Oliveira

A trama de desencontros começa de fato quando Lalau é convidado por uma jornalista (Flávia Alessandra) a fingir, no Rio de Janeiro, que é um guru indiano famoso. É a oportunidade de ganhar uma fortuna e, se possível, sair da sombra do pai. Resgatada a nossa arte da chanchada, o que ela precisa agora é encontrar um lugar próprio no cinema pós-Retomada, que não emule situações, tipos e estéticas da TV. Na didática narração em off de Duvivier e na cadência morna da trama, o filme vai se esquivando dessas questões, sem achar uma

14

Setembro 2011

voz nova. Apesar daquele arroubo criativo das claques, no fim Carvana parece mais interessado em abordar nossa comédia do ponto de vista do artista militante do que do contador de histórias.

www.brasilbest.com


Revelação

Brasileirinhos viram sucesso nacional

D

e um lado, a irmã Wendy L. Carvalho, de oito anos de idade, vocalista, pianista e compositora. Começou a cantar com dois anos de idade, dando sequência a sua carreira aos quatro anos. Nova, sim, porém muito matura. Já escreveu um pouco mais de trinta músicas em menos de um ano. Do outro lado, Wayne L. Carvalho, de dezesseis anos de idade, pianista, guitarrista, baixista e compositor. Deu início a sua carreira aos doze anos de idade. Wayne e Wendy trabalham juntos em suas próprias músicas de forma muito espontânea e com muita harmonia no ar. Os dois juntos fazem músicas populares americanas. Ingressaram numa escola de música americana particular, onde aprenderam a ler e escrever partituras musicais e técnicas instrumentais.

inglês e alfabetização também do mesmo Estado. Ceni e Cida resolveram realizar um sonho de criança; de tentar a vida nos Estados Unidos, onde hoje vivem há mais de dez anos. Sempre estiveram e estão presentes em todos os momentos com os filhos e principalmente envolvidos com a educação dos dois.

“ The Dabljus têm estado nas Em junho de 2010, eles, juntamente com a visão dos paradas de sucesso, sendo pais, resolveram seguir por tocados em diversas rádios FMs conta própria, saindo da escola e AMs de norte a sul e de leste de música. Foi daí então que eles começaram a deslanchar a oeste do Brasil, bem como na a carreira musical, surgindo Europa e nos Estados Unidos assim a banda The Dabljus (Os The Dabljus têm estado nas paradas Dábliús). Tudo é basicamente desde novembro de 2010.” de sucesso, sendo tocados em feito pelos quatro; Wendy, diversas rádios FMs e AMs de norte Wayne, pai e mãe. De uma a sul e de leste a oeste do Brasil, bem propaganda a um desenho como na Europa e nos Estados Unidos gráfico. De uma letra musical a um desde novembro de 2010. O primeiro CD arranjo musical. E de uma forma muito “GONE” foi lançado nos EUA em 23 de profissional. Um trabalho de família abril de 2011. The Dabljus têm estado em unida. Um exemplo de vida. terceiro lugar desde novembro de 2010 no Wendy fala inglês e português brasileiro fluentemente. Wayne fala inglês, português brasileiro e latin também fluentemente.

Os irmãos são muito extrovertidos, curtem as montanhas russas mais altas do mundo, praias, cinema, comidas italiana e brasileira e até uma picanha bem passada. Praticam patinação, ciclismo, mergulho e uma boa caminhada. Wayne e Wendy são filhos de Elcenir Carvalho, exprofessor de inglês e português do Estado do Espírito Santo, e Aparecida L. Carvalho, ex-professora de

www.brasilbest.com

mural da rádio Cobilândia FM 98,5MHz (do Espírito Santo). A rádio Cobilândia FM foi a primeira do mundo a tocar The Dabljus e a primeira a receber CDs gratuitos para seus ouvintes.

Os primeiros concertos da banda nos EUA já estão sendo marcados por enquanto somente em Boston, MA. Mas a maior intenção é de fazer outros shows pelos EUA em 2012. E quanto ao Brasil, bem, Wendy e Wayne fazem muitos planos para o final de 2012 e início de 2013.

ANUNCIE MELHOR, ANUNCIE BRASILBEST! Aqui seu anúncio é mais bonito, pontual, e também sai na internet! Fale com a gente: Ligue 650-204-9940 I contact@brasilbest.com

por Elcenir Carvalho

Setembro 2011

15


Música

Daniela Mercury faz shows na Califórnia

S

ucesso em todo o mundo desde 1991, Daniela Mercury, cantora brasileira bastante reconhecida internacionalmente, faz sua estréia no Greek Theather - Los Angeles em 13 de outubro. Sua 11ª turnê internacional será repleta de músicas dançantes de seu último trabalho, Canibália que está recheado de rítmos, com um amplo mix de electro-pop misturado, samba, bossa nova, reggae, machado, merengue e salsa. Nascida na cidade histórica de Salvador da Bahia, quase duas décadas se passaram desde que Daniela Mercury surgiu como uma artista de um gênero musical singular. Na época, ela explodiu no Brasil com seu álbum, Canto da Cidade. De lá pra cá, a cantora bahiana ganhou muito respeito na música popular brasileira. Com sua ousadia e curiosidade, ela vem conquistando público por todo o mundo. “Canibália”, é mais uma prova de que a cantora está explorando outros caminhos. O problema é que o nome de Daniela Mercury está diretamente atrelado ao que ela ajudou a criar. A verdade é que as suas tentativas de “fugir” de forma mais drástica de seu estilo musical (em trabalhos como “Carnaval Eletrônico”, de 2004, e “Clássica”, lançado no ano seguinte) não deram lá muito certo. Mas em “Canibália”, Daniela Mercury soube dosar muito bem canções puxadas para a axémusic com outras de estilos diferenciados.

de seus shows em uma noite emocionante de Carnaval. Não perca a oportunidade de ver o furacão da nossa música, ao vivo na Califórnia. Os Ingressos já estão a venda pelo site www.ticketmaster.com

Show dA DANIELA MERCURY:

Daniela diz, “Canibália é um abraço, uma andorinha da Tropicália, o Clube da Esquina e tudo o que já foi criado nas artes no Brasil desde a Semana de 22 (Semana de Arte Moderna de 1922). Eu anseio pela liberdade que vem deste movimento antropofágico, a partir do Manifesto Antropófago de Oswaldo de Andrade e sua prática por Mario de Andrade, que disse que estas misturas reforça a nossa identidade brasileira.”

Los Angeles:

No ano passado, Daniela Mercury lotou shows em mais de 20 cidades por todo o mundo. Suas performances incorporam uma celebração bonita e explosiva do passado, presente e futuro da música brasileira, e sua energia e alegria transforma cada um

Dia 15 de outubro - 7:00pm 4th & B: 345 B Street

16

Setembro 2011

Dia 13 de outubro - 7:30pm Greek Theater: 2700 North Vermont Ave. Oakland: Dia 14 de outubro - 8:00pm Paramount Theater: 2025 Broadway

ANUNCIE MELHOR, ANUNCIE BRASILBEST! Aqui seu anúncio é mais bonito, pontual, e também sai na internet! Fale com a gente:

San Diego:

por Juca Matos

Ligue 650-204-9940 I contact@brasilbest.com

www.brasilbest.com


percussão, produção musical e lingua portuguesa. Local: 3221 22nd St., San Francisco. Maiores informações www.abada.com

San Francisco

Brazilian day: The largest Brazilian Festival on the West Coast. Comidas típicas, música, dança e muito mais. Domingo 18 de setembro. Local: Los Angeles Garnet Ave., San Diego, CA., Horário: 11am to 7pm, Free Admission. Maiores informações Brazilian day: O dia da comunidade brasileira www.braziliandaysandiego.com em Los Angeles. Sábado 10 de setembro. música: Batucada brasileira ao vivo. Todas Local: Hancock Park, a Brea Tar Pits, Los as sextas-feiras. Local: Brazil By The Bay Angeles, CA., Horário: 12pm to 6pm, Free Restaurant, 3770 Hancock St., Ste G, San Admission. Maiores informações www. Diego, CA. Maiores informações 619.692.1919 braziliandayla.org ou www.brazilbythebay.com Música: “Viva Sundays” com Leopold Nightclub: Brazilian Nights. Todas as quintasNunan e Morena Santos, muita música e feiras. Local: Tango Del Rey, 3567 Del Rey dança brasileirapara esquentar os domingos St, San Diego, CA. Maiores informações de verão. Todos os Domingos. Local: The 858.794.9044 ou www.tangodelrey.com Standard Hotel, 8300 Sunset Boulevard, West

música: “Bruno e Marrone”. Abertura com DJ Kblo e Banda Sotaque Baiano. Quinta-feira, 29 de setembro Local: Roccapulco, 3140 Mission St., San Francisco. Horário: 8pm. Maiores informações 415.425.7242 ou 415.412.0760 Lavagem: “Celebração da Independência do Brasil e Anual Lavagem”. Festa de rua, roda de samba, Djs e música ao vivo, comidas e bebidas típicas. Domingo, 4 de setembro Local: Casa de Cultura, 1901 San Pablo Ave., Berkeley Horário: 11am - 7pm. Maiores informações www.brasarte.com nightclub: “Bon Voyage”. 3rd annual Sunset Booze Cruise. Domingo, 4 de setembro Local: Pier 40 Embarcadero, San Francisco, CA. Horário: 3pm - 9pm. Maiores informações www.djkblo.com Festa da independência: “Brazil in The Park”. celebração da indepêndencia do Brasil, músicas, comidas, danças, etc... Domingo, 11 de setembro Local: Golden Gate Park’s Hall of Flowers, 9th Ave &Lincoln Way, San Francisco, CA. Horário: 12pm - 7pm. Maiores informações www.FriendsofBrazil.org festa sextaneja: “Com a participação da Bay Brazil Band e DJ Eder” tocando o melhor da música brasileira. sexta-feira, 9 de setembro Local: Club 101, 615 W. Francisco Blvd., San Rafael. $15. Maiores informações 650-4268630 ou 650-391-6226 CRianças: “Contadores de Estórias”. tragam os seus filhos para aprender da nossa lingua e cultura brincando. Domingo, 11 de setembro Local: Abadá-Capoeira, 3221 22nd St @ Mission, San Francisco, CA. Horário: 2pm - 4pm. Maiores informações www.contadoresde-estorias.org. música: “Cantora Lau Paiva”, canta o melhor da bossa nova, brazilian jazz & mpb Terça-feira 13 de setembro Local: Le Colonial, 20 Cosmo Place, Sausalito, CA. Horário: 12:30pm-3:30pm. música: “Daniela Mercury”, estrela da música brasileira se apresenta no SF Jazz Festival. Sexta-feira 14 de outubro Local: Paramount

San Diego

Hollywood, CA.

Theather, 2025 Broadway, Oakland, CA Horário: 8pm. Maiores informações www.sfjazz.org música: “BWAX presents: Mondo Loko and Tropicali” tocando o melhor da música brasileira. terça-feira, 20 de setembro Local: Elbo Room, 647 Valencia Street, San Francisco. Horário: 9pm-12am. Maiores informações www.elbo.com ESPORTE: “Beach Soccer Festival”. 2 de outubro Local: Ocean Beach @ Fulton St., San Francisco, CA. Horário: à partir das 9am. Maiores informações: 415.425.7242 nightclub: “DJ KBLO’s Ultra Flight to Rio” DJ brasileiro toca todo segundo Sábado do mês. Local: Roe Boutique and Lounge, 651 Howard Street, SF. Horário: 9pm-2am. $Free antes das 11pm w/ R.S.V.P. Mande um e-mail para info@djkblo.com e coloque seu nome na lista. Maiores informações www.djkblo.com aula de dança: “Forró WorkShop Dance Class”. Todas as quartas. Local: Zambaleta, 2929 19th St., San Francisco, CA. Horário: À partir das 8pm. Maiores informações www.zambaleta.org Cursos: “Ponto de Cultura”. cursos grátis para jovens: Capoeira, dança afro-brasileira,

aula de português: “Brasil Sorria” Para filhos de brasileiros, aprenda a se comunicar em Português brincando. Todo primeiro e terceiro domingo do mês. $5 por criança/ adolescente entre 2 - 17 anos. Local: Natureba, 2415 Artesia Blvd., Redondo Beach, CA. aula de dança: “Rio Style”, Dance Instructors Patricia Prata and Sydney Maria. Todas as segundas e quartas. Local: 6755 Hollywood Blvd. 2nd Fl, Hollywood, CA 90028. Maiores informações 323.646.7731 ou www.superstardancers.com Música: “Brazilian Nites”, música brasileira ao vivo e DJ Spinnig. Todos os sábados. Local: 19540 Ventura Blvd., Tarzana, CA. Horário: a partir das 9:30pm até as 2am. Maiores informações 818.566.1111 ou www.braziliannites.com música: “Brazilian Music & Entertainment”, sambistas, percussionistas, música ao vivo e capoeira. Todas as quintas e domingos. Local: 10250 Santa Monica Blvd, Los Angeles, CA. Maiores informações 310.552.2014 nightclub: “Samba A Holic”, Electro Percussion, DJ Lui Mixagem, styles and beats. Todas as terças-feiras. Local: 1775 N. Ivar St., Hollywood, CA. Maiores informações 323.465.3677 ou info@djluimixagem.com

Portland música: “Brazilian Music at Sckavone’s”, samba e pagode o vivo, (open mic to play or sing). Todas as quintas. Local: 4100 SE Division Street, Portland, OR. Horário: 9:30pm to midnight. $ Free. Maiores informações 503.235.0630 ou www.sckavones.com nightclub: “Z’Bumba Brazilian Forró Dance Music”, Forró brasileiro (para maiores de 21). Todo segundo sábado do mês. Local: Mississipi Pizza Pub, 3552 N Mississipi Ave., Portland, OR. Horário: 9pm to midnight. $7. Maiores informações 503.288.3231

Seattle música: Live brazilian music. Todo primeiro domingo do mês. Local: Tempero do Brasil Restaurant, 5628 University Way, Seattle, WA. Horário: 12pm. Maiores informações 206.523.6229

Hawaii art: First Friday Block Party. Every first Friday of the month, There’s about 25 art galleries to visit as well as live music, great food, and nearby bars. Local: China Town, Nuuanu Ave., Honolulu, HI. Horário: 5pm to 9pm. Maiores informações www.firstfridayhawaii.com

TRADUÇÕES Jaqueline Jacques UC Berkeley Certified Translator/Interpreter English - Portuguese

415-577 9811

jaquelinejacques@comcast.net

AMERICANO PROCURA AMERICANO, 59 anos, gostaria de conhecer uma mulher brasileira. Gosto de esportes, viagens, jantar fora e shows. Falo inglês somente. 650-757-1946 / 415-517-5977 (c)

TRADUTOR JURAMENTADO Traduções -Interpretações Roberto Lima Phone/Fax 415-587-4990 robertolima99@hotmail.com State certified since 1981

www.brasilbest.com

Setembro 2011

17


Mundo

Os tais caquinhos do velho mundo

U

ma charge de um cartunista holandês, publicada no jornal Landsmeer e reproduzida pelo diário português Público, foi o que mais me chamou a atenção numa breve passagem de nove dias por Portugal. Nela, representantes da União Européia fazem empréstimos uns aos outros, mas a sombra de seus movimentos revela punhaladas entre eles. A charge cumpre perfeitamente seu papel crítico de mostrar que a ajuda das instituições européias da zona do euro aos países periféricos, como o próprio Portugal, Grécia e Irlanda, não se deve a nenhum instinto de solidariedade continental e sim ao temor de um contágio fatal, capaz de derrubar a própria União Européia e de ameaçar a paz naquela parte do mundo envolvida em uma história de guerras. O “auxílio” europeu aos países em crise começou com medidas draconianas e humilhantes, que tinham muito mais um caráter de retaliação do que de ajuda. O historiador português José Pacheco Ferreira, em artigo no Público, afirmou que se não fosse o medo do alastramento da crise grega, “seria com algum prazer que alguns países veriam a Grécia (e Portugal) chegar à bancarrota”, porque as medidas tomadas continham “uma clara sanha punitiva contra os mentirosos, preguiçosos e corruptos gregos”.

concordou em ampliar a assistência do Fundo Europeu de Estabilidade Financeira, antes recusada, e a rebaixar as taxas de juros e a elevar os prazos de pagamentos dos empréstimos que castigavam os países periféricos. Portugal, Grécia e Irlanda (e talvez Espanha e Itália, em breve) poderão se financiar às mesmas taxas que a Alemanha se financia no mercado e terão um prazo maior de amortização dos empréstimos.

O fundo de estabilidade europeu passa a atuar de maneira preventiva para ajudar com linhas de crédito os países que cumprem suas metas orçamentárias, mas são vítimas da especulação do mercado. Não se sabe se essas medidas chegaram a tempo e se vão resolver o problema, mas ao menos mudaram ligeiramente a relação credores/ endividados.

É neste clima de diferenças e desconfiança mútua que se processa a tentativa de solução da crise européia, cujo desfecho ainda é imprevisível. A beleza de Portugal no verão é afetada pela sombra do futuro incerto e pela sucessão de anúncios de medidas impostas pela troika (FMI, Banco Central Europeu e Comissão Européia), que punem a população. O mais grave é que o esforço gigantesco que o país faz para honrar os empréstimos e condicionamentos da troika não garante que poderá ir ao mercado se financiar depois de cumprir suas obrigações. O mesmo mercado que levou Portugal e o mundo a um grande impasse ainda asfixia o país com taxas de juros astronômicas, que inviabilizam as negociações. Foi diante dessa incerteza que a reunião de emergência dos chefes de Estado e de governo da zona do euro

18

Setembro 2011

O fundo de estabilidade europeu passa a atuar de maneira preventiva para ajudar com linhas de crédito os países que cumprem suas metas orçamentárias, mas são vítimas da especulação do mercado. Não se sabe se essas medidas chegaram a tempo e se vão resolver o problema, mas ao menos mudaram ligeiramente a relação credores/endividados.

Estar em Portugal nesse momento causa certa dor de ver um país refém de mandamentos impostos de fora e que tantos males já provocaram pelo mundo durante a hegemonia neoliberal. O processo de privatização imposto pela troika reduz significativamente o papel do Estado na economia e o leva a perder seus principais mecanismos de intervenção. Depois de ver o Brasil enfrentar a crise mundial graças ao controle dos bancos públicos e sua utilização na garantia de créditos, é triste ver Portugal abrindo mão de empresas estratégicas e debatendo até a privatização da Caixa Geral de Depósitos, seu maior banco e principal financiador das pequena e médias empresas, grandes geradoras de emprego no país.

por Mair Pena Neto www.diretodaredacao.com

ANUNCIE MELHOR, ANUNCIE BRASILBEST! Aqui seu anúncio é mais bonito, pontual, e também sai na internet! Fale com a gente: Ligue 650-204-9940 I contact@brasilbest.com

www.brasilbest.com


Brasil

imigrantes: a soluçÃO

A

Enquanto os Estados Unidos e a Europa lutam para expulsar seus imigrantes, alguns países deveriam abrir suas fronteiras para recebê-los. Se você pensou que o recado seria para o Brasil, acertou. Nosso país está no verge de se tornar uma potência mundial, mas infelizmente ainda carece de alguns fatores que podem frear esta corrida para o topo.

geradas com a Copa do Mundo de Futebol 2014 e com os Jogos Olímpicos de Verão no Rio de Janeiro em 2016. Não é segredo para ninguém que a Espanha passa por uma crise muito forte de emprego e o Brasil pode servir de atrativo para profissionais de bom nível que não encontram empregos em seu país natal.

No momento em que as vagas vêm sendo criadas em grandes proporções no Brasil, muitas vezes faltam profissionais capacitados para preenchê-las. Tudo isto porque o ensino no Brasil ainda é deficiente e não consegue suprir a demanda do mercado que procura mão-de-obra com grande formação para gerir os destinos das empresas e, por conseguinte, do país.

O exemplo da Espanha pode ser replicado por Portugal – outro país que mudou a mão de direção, deixando de receber brasileiros para devolver nossos patrícios e também exportar portugueses -, Itália, Irlanda e Grécia, somente

como vítima deste crime hediondo? Ou ser assaltado num restaurante de luxo quando está fazendo sua refeição com amigos e familiares? Ou ainda ter seu carro alvejado por uma pedra para ele ser parado e roubado? Outro problema crucial é a infraestrutura decadente que atravanca o desenvolvimento do Brasil, prejudicando o escoamento da produção e dificultando uma presença mais forte no mercado internacional. Por fim, há a corrupção e a burocracia, irmãs gêmeas que andam lado a lado para criar dificuldades, a fim de se vender facilidades. Se eliminadas, o Brasil pode de fato decolar rumo ao Primeiro Mundo. Mas para isto é preciso uma grande vontade política.

O investimento em educação é algo que poucos governantes gostam de fazer. Exige muito dinheiro, precisa contratar muita gente – professores, especialistas em educação, pedagogos, funcionários, etc – e geralmente os resultados são a longo prazo. Ou seja, muitas vezes o beneficiário deste investimento pode ser o inimigo político do autor desta base educacional. Pior ainda, fica difícil para provar ao eleitorado que o dinheiro foi bem gasto. Mais fácil, inaugurar praças e asfaltar ruas. Aí, é que entra a imigração. Por que o governo brasileiro não aproveita a crise que está castigando os países desenvolvidos para atrair professores e educadores que possam levar para o Brasil seus conhecimentos e ajudar na fomração de profissionais de alto nível? E isto nem é uma ideia nova. A Universidade de São Paulo (USP), quando criada, importou vários professores da Europa, particularmente da França, para garantir o bom nível de ensino. Recentemente, engenheiros e arquitetos espanhóis manifestaram interesse em ir para o Brasil, a fim de aproveitar a onda de construções e obras

importar mão-de-obra para suprir o mercado

O ponto positivo é a recente pesquisa mundial que apontou o Brasil como um dos países mais receptivos aos imigrantes, na contramão dos desenvolvidos que querem expulsar os estrangeiros que drenam os recursos sociais que seriam dos seus cidadãos. para ficar naqueles que estão sofrendo mais diretamente os efeitos perversos da crise econômica. Indo além, pode-se mesmo criar incentivos para levar profissionais e especialistas americanos, que encontram-se com poucas perspectivas futuras nos Estados Unidos. Entretanto, alguns pontos precisam ser equacionados, além da questão educacional. O primeiro, sem dúvida, é a insegurança social. Quem vai querer viver num país no qual pode ser sequestrado ou ter algum membro de sua família

Apesar da pesquisa, no entanto, não se pode esquecer que os imigrantes hoje vivendo no Brasil também são alvos de grupos e pessoas xenófobas. Os haitianos e os bolivianos – que estão na camada mais pobre da população – têm reclamado por serem vítimas de bullying por parte dos brasileiros, contrariando a crença geral de que o brasileiro é um povo hospitaleiro.

por Antonio Tozzi

www.diretodaredacao.com

Receita Ground Beef Pie

Escondidinho de Carne Moída Coloque a água numa panela e derreta o os cubinhos de caldo galinha, Adicione o molho de tomates, o frango, mexa até começar a ferver, Acrescente a farinha de trigo e mexa até engrossar. Coloque o creme de leite, misture bem, Ponha tudo em uma travessa e espalhe por cima a manteiga e o queijo ralado, Leve ao forno para gratinar por mais ou menos 20 minutos.

Put water in a saucepan and melt the cubes of chicken broth, Place the tomato sauce, chicken, stir until it begins to boil, Add the flour and stir until thickened. Place the cream, mix well, Put everything on a platter and sprinkle with butter and grated cheese, Bake gratin for about 20 minutes.

INGREDIENTES:

INGREDIENTS:

Coloque o óleo, a cebola e o alho para dourar, Acrescente a carne moída, Frite bem até ficar coradinha, Salgue, coloque a pimente a seu gosto e a salsinha Á parte faça um purê com as batatas, a manteiga e o leite, Quando estiver pronto, é so montar no pirex o purê de batatas, a carne moída, o purê de batatas e assim sucessivamente até terminar com uma camada de purê, Salpique queijo parmesão ralado e cubra com mussarela, Leve ao forno quente só para derreter a mussarela, Sirva com arroz branco.

Put oil, onion and garlic to brown, Add the ground beef, Fry well until golden brown, Add salt, put the pepper and parsley to taste. On the side, make a puree with potatoes, butter and milk, When it is ready, layer in the baking dish the mashed potatoes, ground beef, mashed potatoes and so on until finishing with a layer of mashed potatoes, Sprinkle grated Parmesan cheese and top with mozzarella, Bake in hot oven just to melt the mozzarella, Serve with white rice.

Horóscopo aquário - 20/01 à 18/02

Chegou a hora de ter de adotar uma postura mais calma e, sobretudo, aprender a perdoar. Esquecer o passado, vai ser a melhor forma de olhar para o futuro!

peixes - 19/02 à 19/03 O mês chega cheio de força e vontade de realizar tudo o que quer, o vai levar a que não tenha mãos a medir para conseguir aquilo que tanto ambiciona. Estará centrado nos seus objetivos.

áries - 20/03 à 19/04

Chegou a hora de ter de adotar uma postura mais calma e, sobretudo, aprender a perdoar. Esquecer o passado, vai ser a melhor forma de olhar para o futuro!

gêmeos - 21/05 à 20/06

câncer - 21/06 à 22/07

leão - 23/07 à 22/08

Este mês será crucial para tomar decisões que tem vindo a adiar. Criar situações de dualidade não é bom nem para si, nem para os outros. Terá de ter capacidade de enfrentar questões que poderão tirar o sono.

Novas amizades serão uma constante. Contudo, também deve aproveitar para reforçar laços antigos. A nível profissional, embora tenha passado por algumas fases complicadas, poderá respirar de alívio e gozar tranquilidade.

Embora ande um pouco ansioso, é importante que não queira tudo para ontem. Lembre-se que devagar, se vai ao longe. Uma nova fase se inicia ao longo do mês que terá muitas surpresas.

libra - 23/09 à 23/10 Vai sentir que todos os seus esforços começam agora a dar resultado, o que criará uma grande sensação de bem-estar. Este mês é também ideal para resolver alguns assuntos que estão pendentes.

www.brasilbest.com

escorpião - 24/10 à 22/11 Embora esteja passando por uma fase de alguma instabilidade, o convívio para com os amigos irá tornar essa fase mais calma e menos preocupante. Alguns assuntos pendentes, poderão ver agora a resolução esperada.

sagitário - 23/11 à 20/12 A nível profissional, a sua criatividade será meio caminho andado para mostrar aquilo que vale. Este será um período em que poderá sentir-se analisado e deverá fazer tudo da melhor forma possível.

touro - 20/04 à 20/05

Algumas decisões importantes terão de ser tomadas, pois este é o momento chave para o fazer. Neste mês terá de escolher se avança ou se mantém na sua atual situação.

virgem - 23/08 à 22/09 Esse será um mês de indefinição e melancolia. Poderá sentir que não está sendo compreendido pelas pessoas que o rodeiam. Faça uma auto-análise de si mesmo e se pergunte se tem agido bem.

capricórnio - 21/12 à 19/01 A sua necessidade de alargar conhecimentos vai fazer com que sinta vontade de iniciar novas atividades, muitas delas ligadas ao lado espiritual. A nível saúde, tendência a estados melancólicos. Setembro 2011

19


passatempo

Piadas

Qual é o único carro que diz que irá chover? - Celta Preto _____________________________________ O português chegou todo esbaforido naquela empresa que fazia faixas e cartazes e foi logo dizendo: - Meu cachorrinho se perdeu e eu quero mandar fazer uma faixa bem grande! - Pois não, meu senhor! Quais os dizeres? E o português: - Lulu, volte logo! Estou muito triste! _____________________________________ Loira: “Não consigo imprimir. Cada vez que tento, o computador diz: “Não é possível encontrar a impressora”. Já levantei a impressora e coloquei-a em frente ao monitor, mas o computador continua dizendo que não consegue encontrá-la.” _________________________________ Dois advogados estão saindo do Fórum, quando um vira para o outro e diz: - E então, vamos tomar alguma coisa? E o outro prontamente responde: - Vamos, de quem?. _____________________________________ Três caras estão conversando no bar do português, falando sobre a violência no mundo atual. Um deles mostra uma cicatriz no queixo e fala: - New York City! O outro mostra uma cicatriz na perna: - Atlantic City! O português abaixa as calças, mostra uma cicatriz acima da virilha e diz: - ApendiCity!! _____________________________________ O sujeito cinquentão faz uma entrevista para emprego. - Desculpe - diz o entrevistador. - Mas o senhor chegou a essa idade e nunca pensou em se casar? - Claro! Já pensei muitas vezes! - E por que não se casou? - Exatamente porque pensei muito! _____________________________________ A bicha estava num ônibus quando este começa a pegar fogo. Logo, o motorista diz: - Mulheres e crianças saiam pela porta de trás, e homens pela porta da frente! A bichinha desesperada começa então a gritar: - Eu vou morrer, eu vou morrer!

Jogos

Maria vai ao ginecologista reclamando que não consegue engravidar. - Por favor, tire a roupa e deite-se naquela maca - diz o médico, preparando-se para examiná-la. E ela, indecisa: - Mas, doutor! Eu queria tanto que o filho fosse do meu Manuel! _____________________________________ Um casal estava discutindo sobre as finanças. O marido explodiu e falou: - Se não fosse pelo meu dinheiro, essa casa não estaria aqui. A mulher respondeu: - Querido, se não fosse pelo seu dinheiro, eu não estaria aqui. _____________________________________ Um ladrão se aproxima de um senhor bem vestido e fala: - Me passa o seu dinheiro. O senhor fica indignado e retruca: - O quê?! O senhor sabe com quem está falando? Eu sou de-pu-ta-do!!! - Então me passa o MEU dinheiro. _____________________________________

Jogo dos 7 erros

Um navio português de passageiros passava perto de uma pequena ilha deserta. De lá todos podiam ver um homem barbudo pulando e balançando os braços na praia. - Quem é? - pergunta um passageiro ao comandante. - Não faço a mínima idéia. Mas todos os anos, quando passamos por aqui, ele fica louco assim... _____________________________________ Um homem vai ao cinema com o seu cão. No fim do filme o cão levanta-se e bate palmas. Toda a platéia fica espantada com o fato. - Estou tão admirado quanto vocês! - diz o dono - ele leu o livro e não gostou!! _____________________________________ Dois caipiras conversam: - Cumpadi, ocê ouviu na rádio que agora o governo vai liberar a nudez? Ocê acha isso bão? - Eu acho que é bão sim... - Mas ocê concorda com a nudez? - Ah, cumpadi, é melhor nudez do que no nosso!!

Cruzadas Horizontais

Respostas

Verticais

20

Setembro 2011

www.brasilbest.com


www.brasilbest.com

Setembro 2011

21


Evento

Focus Brazil asia e Press Award Japão

E

stá confirmada para os dias 31 de agosto e 1º de setembro (quarta e sexta-feira) em Tokyo, respectivamente no Barque Shibaura e no Sogetsu Hall, a realização dos eventos Focus-Brazil Ásia e Brazilian International Press Award Japão 2011. Os eventos que se consagraram em 14 anos de realização nos Estados Unidos, chegam ao Japão graças a parcerias com o Ministério das Relações Exteriores, TV Globo Internacional e Banco do Brasil / BB Remessa.

Confira abaixo a lista dos ganhadores; Prêmios Especiais: Carnaval de Asa Kusá - 35 anos promovendo a cultura popular brasileira no Japão

Os eventos ocorrerão na mesma semana de realização da quinta edição anual do Brazilian Day Tokyo, dias 2 e 3 de setembro, evento que reúne milhares de brasileiros e se insere na rede internacional de eventos do gênero, promovidos pela TV Globo Internacional.

Disk Saúde - Saúde Pública Lisa Ono - Promoção da Música Brasileira

Os eventos que se consagraram em 14 anos de realização nos Estados Unidos, chegam ao Japão graças a parcerias com o Ministério das Relações Exteriores, TV Globo Internacional e Banco do Brasil / BB Remessa.

A agenda do Focus-Brazil Ásia contempla painéis dedicados ao ensino do idioma Português na Japão em parceria com a Associação de Escolas Brasileiras no Japão, Painel de Negócios coordenado pela Câmara de Comércio Brasil-Japão, Encontro do Conselho de Represen-tantes Brasileiros no Exterior-CRBE Ásia, Painel dedicado à promoção da música brasileira no Japão e o Encontro da Mídia Comunitária Brasileira na Ásia, entre outros. Após analisar cerca de 1.800 indicações enviadas através do site official www.pressaward.com, representantes da mídia comunitária brasileira no Japão elegeram, na tarde do dia 28 de julho em reunião no auditório da Embaixada do Brasil em Tokyo, os ganhadores da primeira edição do Brazilian International Press Award Japão, 2011.

A relação de homenageados nesta primeira edição do evento no Japão, enfatizou a fortissima presença das lideranças comunitárias, de assistência social, ensino do Português e divulgação da música brasileira no Japão. Os 20 premiados estarão recebendo os troféus “Newspaper Boy”, dia 1 de setembro, a partir das 19:00 no Sogetsu Hall (Tokyo-to, Minato-ku, Akasaka 7-2-21). A cerimônia, além dos premiados e seus convidados, incluirá participações especiais de destacados artistas brasileiros e japoneses que promovem a música brasileira no Japão.

Mitsui Corporation - Apoio às atividades comunitárias brasileiras Movimento Brasil Solidário / Mogi Shinzi - Solidariedade Ganhadores do Press Award 2011: Ângelo Ishi (Promoção de Cultura Brasileira) Associação das Escolas Brasileiras do Japão (Educação) Brazilian Day Tokyo (Evento) Brazil Fureai / Carlos Zaha (NPO)

Câmara de Comércio Brasil-Japão (Business) Criativos (Ação Social) Fernando Kinoshita (Comunicação) Irmã Mori (Assistência Social) Jhony Sasaki (Televisão) Lílian Hatano (Educação) Marina Matsubara (Educação) Padre Higa (Assistência Social) Ruy Ramos (Esporte) Willie Woper (Música) Yoshio Muranaga (Pioneiro da mídia comunitária brasileira no Japão) Os interessados em conseguir convites para assistir ao Press Award devem solicitar através do site official “www.pressaward.com”. A entrada é gratuita, mas o número de convites é limitado. O Brazilian International Press Award Japão é patrocinado pela TV Globo Internacional e TAM Airlines, com apoio do Ministério das Relações Exteriores / Consulado Geral do Brasil em Tokyo.

por Carlos Borges

22

Setembro 2011

www.brasilbest.com


Música

L

Luciana souza se apresenta em SF

uciana Souza é uma das mais expressivas e importantes cantoras de Jazz da atualidade. Vencedora do Grammy junto a Herbie Hancock em seu aclamado disco “River – The Joni Letters” em 2008, Luciana também foi nomeada ao prestigioso prêmio com quatro de seus próprios discos: “Brazilian Duos” em 2002, “North and South” em 2003, and “Duos II” em 2005, e seu ultimo disco, “Tide” de 2009. Todas as suas gravações foram aclamadas pela crítica mundial, incluindo “Neruda” de 2004, e seu famoso “The New Bossa Nova” de 2007, produzido por seu esposo, o talentoso Larry Klein, e considerado pela Billboard Magazine como “Latin Jazz Album of the Year”.

Magazine, que declarou que “Tide” é um dos melhores discos de 2009. Produzido por seu esposo, Larry Klein, “Tide” conta com a participação dos veteranos Romero Lubambo, Cyro Baptista, Vinnie Collaiuta, Larry Goldings, Larry Koonse, e Rebecca Pidgeon. Luciana consegue fazer definitivas interpretações de “Adeus América” e “Sorriu Para Mim”. O grande poeta Brasileiro Paulo Leminski é homenageado, bem como o Americano e.e.cumming, em belas canções musicadas por Luciana. Luciana Souza já participou de concertos e gravou com músicos do calibre de Herbie Hancock, Paul Simon, Bobby McFerrin, Milton Nascimento, Maria Schneider, Danilo Perez, John Patitucci, Hermeto Pascoal, e Chris Potter, entre outros. Em 2005, foi premiada como Melhor Cantora De Jazz pela Jazz Journalists Association.

Luciana Souza nasceu em São Paulo, em 1966, filha dos compositores Walter Santos e Tereza Souza. Cresceu num ambiente extremamente musical, e já era veterana de estúdios aos dezesseis anos, tendo participado em mais de 200 jingles. Premiada com bolsas de estudo, Luciana graduou-se no renomado Berklee College of Music, de Boston, em composição, e fez seu mestrado no New England Conservatory. Como professora, Luciana lecionou na Unicamp, Berklee College of Music, e na Manhattan School of Music, de New York. Seu trabalho como cantora transcende barreiras tradicionais de estilo, oferecendo sofisticação e profundidade musical tanto em Jazz, como em Música Popular Brasileira, bem como música clássica, tendo cantado com as maiores orquestras dos Estados Unidos (New York Philharmonic, Boston Symphony Orchestra, Los Angeles Philharmonic, Chicago Symphony) e do mundo, incluindo a OSESP, em repertório que inclui Manuel de Falla, Jobim,

www.brasilbest.com

A cantora Luciana Souza se apresentará no San Francisco Jazz Festival, dia 15 de outubro. Os ingressos estão a venda pelo site www.sfjazzfestival.com.

por Kiko Castro

Osvaldo Golijov, entre outros. Seu último lançamento, “Tide”, na Universal Records, apresenta Luciana como compositora e intérprete sem igual. Seu canto é considerado “perfeito” pela Billboard

Setembro 2011

23


BRASILBEST 139 - Setembro I September 2011  

BrasilBest is a 12 year old, Award Winning Brazilian culture magazine and web site (www.brasilbest.com). The objective of BRASILBEST is to p...

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you