Page 1


SUMÁRIO

16/junho

04 educação cristã

11 infantil

Mordomos acolhedores | Elaine Oliveira

Dons e talentos | Marinês Mendonça

05 família

12 igreja discipular

Devocional novo de novo | Alysson Diógenes

Graça preciosa | Pr. Marcos Paulo Ferreira

06 roteiro de células

13 ibb news

Roteiro | Pr. Márcio Tunala

Agenda | Dia a dia na igreja

07 liderança de células

14 ministério pastoral

Ropa | Pr. Márcio Tunala

Campus | Missões

08 pastoral

15 livraria e videoteca

O valor de uma oferta | Pr. Márcio Tunala

Destaques | Promoções

10 juventude

16 programação

Dizer não | Ob. Thiago Chabaribery

Cultos | Encontros

Igreja Batista do Bacacheri (41) 3363-0327 | ibb@ibb.org.br Rua Amazonas de Souza Azevedo, 134 Bacacheri - Curitiba - Paraná 82520-620

Expediente REVISTA IBB | Ministério de Comunicação | Agência IBB comunicacao@ibb.org.br | (41) 3363-0327 Coordenação de Comunicação Pr. Renato Mendonça; Projeto Gráfico e Diagramação Ana Letícia Pie; Capa Fabio Vinicius; Revisão Ortográfica Irenice Ferreira, Hedy Silvado, Priscila Ferreira e Rejane Schütz; Imagens Banco de Imagens e Arquivo IBB; Impressão Cromos Graf; Tiragem 1400 exemplares.

2

facebook.com/ibbcuritiba

@ibb_curitiba

youtube.com/prrenatoibb

www.ibb.org.br


DÍZIMOS E OFERTAS Deposite seus dízimos e ofertas nas contas da igreja e coloque o recibo de depósito no envelope durante o ofertório. Escolha a melhor opção:

Segunda 15h - Grupo MCA Casas | Neuzi Bettes (3363-0327)

Terça 14h30 - Grupo MCA Casas | Dulce Coelho (3363-0327)

Agência 3702 C.C 00096-3 Agência 3510-6 C.C 25034-1 Agência 3127 C.C 4774-0 Agência 0372 C.C 825-5 | OP. 003 Se o seu dízimo ou oferta for em cheque, favor cruzar ou colocar nominal para Igreja Batista do Bacacheri (CNPJ: 76.042.126-0001/90). Dúvidas ou informações pelo e-mail dizimoeoferta@ibb.org.br.

15h - Grupo MCA Casas | Ieda Rosa (3363-0327)

IBB ORANDO

Agência 1551 C.C 05753-99

Grupos de Oração

Quarta 20h - Sem Nome (Juventude) Capela | Rômulo Corrêa (3363-0327)

Quinta 15h - Grupo MCA Casas | Hedy Silvado (3363-0327)

15h - Grupo MCA Casas | Terezinha Ribeiro (3363-0327)

20h - Espanhol Sala 9 | Eros (3363-0327) Mais informações no telefone (41) 3363-0327. *Se você faz parte de um grupo de oração da igreja e esse grupo não está nessa lista, entre em contato para colocarmos. Envie e-mail para luciana@ibb.org.br ou 3363-0327.

“Assim, meu Deus, que os teus olhos estejam abertos e teus ouvidos atentos às orações feitas neste lugar.” II Crônicas 6.40

3


EDUCAÇÃO CRISTÃ

por Elaine Oliveira Santos

Mordomos acolhedores “Cada um administre aos outros o dom como o recebeu, como bons despenseiros da multiforme graça de Deus.” (1 Pedro 4.10) Nas aulas do C.F.I. os participantes têm sido desafiados a praticarem a vida discipular. Tiveram por tarefa uma ação de acolhimento com uma pessoa ou um grupo. Podemos chamar esta tarefa de Exercício de ser mordomo acolhedor. As mais variadas formas apareceram e os sentimentos e sensações das pessoas acolhidas foram fantásticos, o amor de Deus foi realmente semeado em seus corações: Carol acolheu sua mãe que não é cristã convidando-a para o Celebrando a Vida, proporcionando um sentimento de importância e atenção. Jorge e Dilma iniciaram sua célula com uma reflexão pessoal, então todos puderam se acolher e começaram o roteiro com uma participação ímpar como não o faziam há algum tempo. Cíntia enviou sms para os membros da sua célula desde que recebeu a tarefa na aula, falando do valor de suas vidas e famílias para Deus, pessoas que não frequentavam o grupo vieram ao encontro emocionados, sentindo-se amados. Fabiane preparou uma conversa com uma amiga tímida e deixou-a à vontade, percebeu que ao se ser valorizada e ouvida, a pessoa se expressou e passou a falar de seus sentimentos e a estar aberta ao que teria a dizer sobre o amor de Cristo. Ricardo ofereceu para sua irmã um jantar feito por ele e em uma conversa agradável pode perceber que, mesmo frequentando há tanto tempo uma igreja precisava de acolhimento e orientações sobre sua fé. Silvio aproveitou o jantar romântico do MIC e fez uma surpresa de acolhimento para sua esposa mostrando que esta ação pode ser necessária em todos os ambientes onde convivemos principalmente em nosso lar. Como expressão de um ato de acolhimento que trouxe um participante até Cristo e hoje no C.F.I. ele pode retornar esse ato a outras pessoas, Ricardo Jorge Vieira declama deixando o desafio a todos nós a acolhermos como bons mordomos todos ao nosso redor:

Então caminhei, lembrando minhas palavras, que rasgavam teu peito, caminhei. Afastava-me do Salvador, caminhava e chorava. Pernas perfeitas, nos passos de um coxo, caminhei. Lembrava minhas palavras, e com o coração entristecido, cheio de rancor, caminhei.Afastado, esquecido, esquecia Tua palavra, lentamente padecia, restava-me a morte, caminhei. A hora chegava, então a luz me veio, confessei a Deus os meus pecados, a ti pedi perdão, e minha vida na eternidade repousou. 4


por Alysson, Carla e Miguel Diógenes

FAMÍLIAS

Um devocional novo de novo

“Porque o que faço não o aprovo; pois o que quero isso não faço, mas o que aborreço isso faço.” – Romanos 7.15 Já perdi as contas de quantas vezes eu e minha esposa iniciamos períodos devocionais em nosso casamento. Na verdade, esse tem sido um grande desafio: manter uma vida devocional em conjunto, uma vez que tanto eu, como ela, temos períodos devocionais individuais. Sempre que começamos, tínhamos a certeza de que isso era o melhor, mas por alguma razão, eventualmente, acabamos parando e, como Paulo, fazendo o que não queríamos. Por fim, chegada a campanha dos 100 dias, resolvemos começar novamente. Seria um devocional novo – de novo. Dessa vez, tínhamos um desafio a mais: envolver nosso filho Miguel, de 4 anos. Logo no primeiro dia, surgiram algumas perguntas: como fazer no momento de leitura Bíblica? E os próprios devocionais? Deus nos deu Sua resposta logo no 2º dia. Ao fazer a leitura de Mateus 2, tivemos que explicar que José, Maria e Jesus tinham fugido para o Egito. Não sabendo meu filho onde é o Egito, tive a ideia: “Filho, José, Maria e Jesus foram para Florianópolis, e ficaram na casinha da vovó, até o rei malvado morrer”. Assim, temos sido abençoados em manter esse período devocional com ele, procurando contextualizar os assuntos para a realidade dele. Muitas histórias, perguntas e risadas surgiram desses momentos. Nas vezes que falhamos, logo retomamos, e creio que assim deva ser a caminhada cristã. É maravilhoso fazer o que Deus quer, mas quando erramos, é fantástico saber que podemos pedir perdão e retomar o caminho de bênçãos. Compartilhe conosco como tem sido a experiência da sua família, envie um e-mail para familia@ibb.org.br.

5


ROTEIRO DE CÉLULAS

Ofertar: um ato de obediência “Roubará o homem a Deus? Todavia vós me roubais, e dizeis: Em que te roubamos? Nos dízimos e nas ofertas. Com maldição sois amaldiçoados, porque a mim me roubais, sim, toda esta nação. Trazei todos os dízimos à casa do tesouro, para que haja mantimento na minha casa, e depois fazei prova de mim nisto, diz o SENHOR dos Exércitos, se eu não vos abrir as janelas do céu, e não derramar sobre vós uma bênção tal até que não haja lugar suficiente para a recolherdes. E por causa de vós repreenderei o devorador, e ele não destruirá os frutos da vossa terra; e a vossa vide no campo não será estéril, diz o SENHOR dos Exércitos.” (Malaquias 3.8-11) Muitas são as realizações que uma igreja faz com os recursos dos dízimos e das ofertas entregues por pessoas que compreendem e obedecem aos ensinamentos da Bíblia Sagrada. Existem muitos textos que retratam o tema dinheiro na Bíblia, mas creio que nenhum outro é tão claro como Malaquias. Esse texto nos mostra exatamente o que está no coração de Deus, tanto no desafio do homem como no interesse Dele em abençoar. APLICAÇÃO PESSOAL 1. Você consegue lembrar algum outro texto na Bíblia que fala de dinheiro? Compartilhe com a célula. 2. Compartilhe com a célula sobre o valor de ser um dizimista e o que significa para você. 3. Em sua opinião, quais são as principais barreiras que impedem algumas pessoas a serem dizimistas e ofertantes fiéis a Deus? 4. Você pode afirmar que tudo que possui, seus recursos, seu tempo, seus talentos e dons pertencem a Cristo? Como você tem servido de maneira que isto seja real?

TEMPO DE COMPARTILHAR

(10 minutos)

Você tem orado pelos seus Sementes? Vamos orar nesse momento pelos nossos Sementes. Utilize os cartões.

TEMPO DE ORAR

(25 minutos)

- Vamos orar pela equipe de finanças de nossa igreja pedindo que Deus dê a eles sabedoria para administrar todos os recursos que temos. - Pedidos pessoais: compartilhem suas necessidades e orem uns pelos outros.

Roteirista: Pr. Márcio Tunala

6

Ministério de Células

Roteiro 112 | 16 a 22 de junho | 2013


refletir

planejar O que poderia acontecer nesta semana com relação à fidelidade nos dízimos e nas ofertas?

Gaste um tempo orando pelos membros de sua família, peça a Deus que te use poderosamente na vida de cada um, cooperando para que eles sejam praticantes da Bíblia.

ROTEIRO DE CÉLULAS

O que significa para você ser fiel nos dízimos e nas ofertas? Quando e como você compreendeu este ensinamento bíblico?

orar

agir Escreva duas ações práticas que poderia abençoar sua vida ou a vida de seus familiares com relação à fidelidade nos dízimos e nas ofertas.

___________________________________________________________________________ ___________________________________________________________________________ ___________________________________________________________________________ ___________________________________________________________________________ ___________________________________________________________________________ ___________________________________________________________________________

para crianças e juniores Revista de Células: Buscas e conquistas Semana 14 - Perigo a vista Texto Bíblico: 1 Pedro 3. 8-22 e 5 8-11 Princípio Bíblico: Deus nos ajuda a nos afastar do mal. Se sua célula tem crianças adquira sua revista de células no MIBB ou com a Marinês pelo e-mail marines@ibb.org.br. 7


Um dos textos mais marcantes do Novo Testamento que fala sobre ofertar é o texto que conta sobre a oferta da viúva pobre registrada em Marcos 12: “Assentado diante do gazofilácio, observava Jesus como o povo lançava ali o dinheiro. Ora, muitos ricos depositavam grandes quantias. Vindo, porém, uma viúva pobre, depositou duas pequenas moedas correspondentes a um quadrante. E, chamando os seus discípulos, disse-lhes: Em verdade vos digo que esta viúva pobre depositou no gazofilácio mais do que o fizeram todos os ofertantes. Porque todos eles ofertaram do que lhes sobrava; ela, porém, da sua pobreza deu tudo quanto possuía, todo o seu sustento.” Segundo os pesquisadores a viúva deu 2 leptons (O Lepton era a menor moeda grega, era feita de cobre, moeda de pouquíssimo valor). O valor ofertado pela viúva não daria para comprar muita coisa. Mas aos olhos de Deus foi uma oferta significativa. Primeiro porque havia um coração doador e os olhos do Senhor estão focados na intenção do coração. Ela não foi obrigada, não havia uma imposição; os ricos estavam depositando grandes quantidades de dinheiro, mas nenhum deles estava se sacrificando. Eles deram do que tinham, do que lhes sobrava,

mas ela deu tudo que possuía. Eu não sei como tem sido a sua relação com as ofertas, mas sei que existe um grande risco de ofertar, mas não alegrar o coração de Deus. Francis Bacon fez uma declaração muito interessante sobre o dinheiro: “Se o dinheiro não for teu servidor, ele será o teu mestre”. O amor era o pano de fundo da oferta da viúva. Qual tem sido a sua motivação ao ofertar? A viúva deu tudo e não ficou com nada, isso não significava que o dinheiro não tinha valia para ela, claro que tinha. Ao ofertar tudo que tinha ela estava correndo o risco de não se alimentar naquele dia. Será que ela conseguiria mais recursos? Não há duvida que a decisão da viúva envolveu muita fé. Jesus não disse que ela morreria de fome por ter dado a oferta, Ele não demonstra pena dela, mas Ele falou sobre o fato com uma convicção de quem conhecia muito bem o coração do Pai e sabia que, com aquela oferta, a viúva estava acionando o benevolente coração de Deus. Aquela mulher não estava fazendo uma permuta, ela simplesmente ofertou com liberalidade e amor. Dar quando se tem muito é fácil. Dar do que sobra é mais fácil ainda. Mas dar tudo que tem, quando


se tem muita necessidade, exige fé. Sabemos da promessa de Deus de abrir as janelas do céu (Malaquias 3:10): “Trazei todos os dízimos a casa do tesouro, para que haja mantimento na minha casa; e provai-me nisto, diz o Senhor dos Exércitos, seu eu não vos abrir as janelas do céu e não derramar sobre vós benção sem medida.” Isso significa que aquela viúva tinha uma certeza que muitos cristãos têm dificuldade de entender. Confiar em Deus e não nas riquezas. Acreditar que Deus proverá o sustento. As moedinhas da viúva poderiam até garantir mais uma refeição, mas o Deus a quem a viúva ofertava garantiria sustento para toda a sua vida. Filipenses 4.19 declara que: “O meu Deus suprirá todas as necessidades de vocês, de acordo com as suas gloriosas riquezas em Cristo Jesus”. Dentro das igrejas há muitos que por diversos motivos não aceitam a ideia de reservar uma parte de seus ganhos para o Senhor. Os questionamentos variam do lógico ao absurdo. Por exemplo: Deus não precisa de dinheiro! Deus é dono de tudo! Ganho pouco e sou pobre! Não sobra para o dízimo! Tenho muitas despesas! Isto é para os ricos! Era a respeito desses que Paulo

escrevia, são homens que ainda não haviam entregue verdadeiramente suas vidas nas mãos do Senhor; viviam uma vida natural e não conseguiam enxergar com os olhos do Espírito a vontade de Deus para a vida de Seus escolhidos. Um dos grandes privilégios que um cristão pode ter é ser fiel no dízimo e contribuir com uma parte do todo que Deus concede. Tudo que recebo é de Deus e é Ele quem traz prosperidade à minha vida e à vida de minha família. Minha pergunta para você é como e quanto você tem ofertado ao Senhor? O que significa para você ofertar? Gostaria de concluir este texto com algumas afirmações: As bênçãos em Cristo são uma promessa real. As coisas de Deus devem ser prioridades nas nossas vidas. É mais abençoado dar do que receber e Deus ama quem dá com alegria.

Márcio Tunala Pastor do Ministério de Células e Integração


JUVENTUDE

por Obreiro Thiago Chabaribery

10

Você sabe dizer não? No livro de Marcos há uma história sobre Jesus em uma aldeia chamada Cafarnaum curando todas as pessoas necessitadas, e certo dia os seus discípulos procuram por Ele, e O encontram sozinho orando. Chamaram Jesus e com rapidez disseram: “Todos estão Te procurando”, e a resposta de Jesus foi: “Vamos embora. Vamos para outro lugar. Vamos a outras aldeias para eu pregar para eles também, pois é por isso que Eu vim.” E Ele vai embora! E porque Jesus resolve ir embora mesmo com a oportunidade de operar maiores milagres naquela aldeia? O motivo é que Ele precisava seguir seu caminho e cumprir o seu objetivo. Jesus poderia ficar e sem dúvida faria seu papel, porém a Sua meta não é só chegar a uma cidade específica. Ele tem uma forma de orientar a sua vida. Jesus diz “não” porque Ele já disse “sim”. Visão clara do objetivo que Ele tinha. Você tem dificuldades em dizer “não”? Ou na verdade a melhor pergunta seria ao que foi que você já disse “sim”? Podemos ver claramente na vida de Jesus no momento da história onde todos esperavam algo de Jesus do que Ele deveria fazer e para quem deveria fazer. Jesus se recolhe para ouvir a Deus e assegurar que todas as vozes não iriam o tirar de seu caminho. Você se pega dizendo muitas vezes: “estou muito ocupado”, ou “tenho muita coisa para fazer”? Muitas vezes precisamos examinar tudo o que estamos fazendo e buscando. Ficar ocupado é uma droga que vicia muitas pessoas! É lógico que existem tempo em nossas vidas onde temos provas, trabalhos e outras coisas que acabam tomando o nosso tempo, mas precisamos examinar o ritmo das nossas vidas se realmente queremos focar um uma coisa só! Muitas vezes estamos servindo a Deus e fazendo tantas coisas boas que não nos sobram mais energia para fazer uma só coisa. Que essa semana você possa buscar uma vida simples, disciplinada e focada na qual você possa alcançar o que Deus reservou para você. E que possamos ser como Jesus, capaz de dizer não, porque um dia já dissemos sim.


por Marinês Mendonça

Servindo a Deus

Em Mateus 25.14 a 30, Jesus falou a respeito de um homem que, ao viajar, chamou seus servos e deu a um cinco talentos, a outro dois talentos e a outro, um talento. Depois que ele partiu, o servo que tinha cinco talentos, negociou e ganhou cinco talentos. O que recebeu dois, também negociou e conseguiu mais dois talentos, mas o que tinha um, escondeu-o na terra e nada fez com ele.Quando o homem voltou, reuniu os servos e pediu-lhes conta daquilo que tinham recebido, e cada um lhe apresentou os resultados. O que tinha cinco talentos apresentou dez talentos. O que tinha dois talentos apresentou quatro talentos. E o que tinha um talento, apresentou apenas um talento. O homem elogiou os servos fiéis que produziram lucro e falou de forma dura com aquele servo que não produziu nada dizendo que ele foi mal e negligente. Com essa parábola, Jesus quis ensinar que cada um de seus filhos, os que O receberam nos seus corações, tem pelo menos um dom, ou seja, uma capacidade para fazer algo para servir a Deus e ganhar almas para Jesus. Cada um de nós é diferente e, por isso mesmo, Deus nos deu diferentes dons. Você tem um dom que é só seu e que pode frutificar e abençoar a obra de Deus. Todos nós podemos e devemos fazer sempre o melhor para Deus. Deus nos deu ferramentas para construir em seu reino. Nós não temos as mesmas ferramentas, mas Deus espera que usemos aquelas ferramentas que Ele nos deu. - O que você faz pelo próximo que o faz feliz? Provavelmente este é o seu talento. - Que talentos Deus lhe deu? - Você usa o seu talento para servir ao Senhor? - Que coisas nos impedem de usar os dons e talentos que Deus nos deu? Use seu talento para a obra do Senhor, venha fazer parte da equipe do Ministério Infantil.

INFANTIL

com seus dons e talentos

Motivos de Oração: - Pessoas usando seus dons para servir no Ministério Infantil. - Para que as pessoas sejam fiéis no seu compromisso de entregar a oferta. - Término do Parquinho.

projeto do novo parquinho 11


VIDA DISCIPULAR

por Pr. Marcos Paulo Ferreira

A graça barata e a graça preciosa O homem que rejeitou desafiadoramente o nazismo dizendo que “Jesus Cristo, e não homem algum ou o Estado, é o nosso único Salvador”, que viveu seus últimos dois anos na prisão e que, em seguida, foi enforcado em virtude de seu engajamento na resistência antinazista é alguém que tem autoridade para olhar para a igreja de sua época e dizer que ela estava longe da VIDA DISCIPULAR. Estou lendo novamente a obra “Discipulado”, de Dietrich Bonhoeffer, e não poderia deixar de registrar aqui alguns trechos chocantes que Bonhoeffer desenvolve sobre o conceito de “graça barata e graça preciosa”. “A graça barata é a graça que nós dispensamos a nós próprios. A graça barata é a pregação do perdão sem arrependimento, é o batismo sem a disciplina de uma congregação, é a Ceia do Senhor sem confissão dos pecados, é a absolvição sem confissão pessoal. A graça barata é a graça sem discipulado, a graça sem a cruz, a graça sem Jesus Cristo vivo, encarnado. A graça preciosa é o tesouro oculto no campo, por amor do qual o homem sai e vende com alegria tudo quanto tem; a pérola preciosa, para cuja aquisição o comerciante se desfaz de todos os seus bens; o senhorio régio de Cristo, por amor do qual o homem arranca o olho que o faz tropeçar; o chamado de Jesus Cristo, pelo qual o discípulo larga as suas redes e o segue. A graça é preciosa porque chama ao discipulado, e é graça por chamar ao discipulado de Jesus Cristo; é preciosa por custar a vida ao homem, e é graça por, assim, dar-lhe a vida; é preciosa por condenar o pecado, e é graça por justificar o pecador. Essa graça é sobretudo preciosa por ter sido preciosa para Deus, por ter custado a Deus a vida de seu Filho - “vocês foram comprados por preço” - e porque não pode ser barato para nós aquilo que para Deus custou caro. A graça é preciosa sobretudo porque Deus não achou que seu Filho fosse preço demasiado caro a pagar pela nossa vida, antes o deu por nós. A graça preciosa é a encarnação de Deus. A graça chega até nós como gracioso chamado ao discipulado de Jesus; vem como palavra de perdão ao espírito angustiado e ao coração esmagado. A graça é preciosa por obrigar o indivíduo a sujeitar-se ao jugo do discipulado de Jesus Cristo. As palavras de Jesus ´o meu jugo é suave e o meu fardo é leve´ são expressão da graça. A graça e o discipulado permanecem indissoluvelmente ligados”.

Vida discipular Amar e Frutificar 12

- Pastores de área com Coordenadores - Líderes auxiliares com membro da célula

- Supervisores com líderes de células - Pastor cordenador com Pastores supervisores


restaurante ibb

chocojubba Nossa festa do chocolate está chegando e será sexta-feira, dia 28/06, às 20h. Essa semana os ingressos custarão R$ 10 e você pode comprar com os tios do Jubba. Convide um amiguinho!

noite rosa A Noite Rosa será dia 26/06, às 20h e contaremos com a presença da preletora Elizabete dos Santos. Também estaremos homenageando as aniversariantes de abril, maio e junho. Convide suas amigas

Ajude o projeto! Hoje após o culto da noite teremos sopa, por R$ 3. Esse ano o projeto será de 07 a 17/07, no Vale do Jequitinhonha. Ainda temos vagas! Participe da confraternização!

oração da família Todos os domingos às 18h, venha orar conosco pelos nossos filhos e famílias. Na Sala de oração.

IBB NEWS

Tenha um período de comunhão e saboreie uma deliciosa refeição. Cardápio: coxa recheada; strogonoff de carne; frango à portuguesa; batata soutee; creme de milho; bolinho de barreado com banana; macarronada à moda do chef; arroz branco; feijão rico; arroz integral com rúcula e tomate seco. Saladas e sobremesas diversas.

semeando valores

encontro de casais mic Participe do 24º Encontro de Casais, que será nos dias 01, 02 e 03 de novembro, em Brusque, no Hotel Monthez. Investimento: R$880,00 em até 7 vezes no cartão de crédito. Inscrições nas saídas do Salão de Cultos.

curso de tricô e crochê Curso grátis de crochê e tricô toda segunda-feira, das 14h30 às 17h, no Salão Curitiba da IBB. Mais informações com 9922-4088 (Prof. Rose).

13


Ministério Pastoral PASTOR EMÉRITO Pr. Avelino Ferreira PASTORES NA IBB Pr. L. Roberto Silvado Coordenador Geral Missões | Compaixão e Justiça Pr. Márcio Tunala Supervisão de Pastores Redes de Células | Adultos | Integração Pr. André Tavares Rede de Células Juventude (Adolescentes e Jovens) Pr. Guilherme Falcão Aconselhamento Pr. Marcos Paulo Ferreira Rede de Células | Educação Cristã Infantil e Juniores Pr. Renato Mendonça Rede de Células | Comunicação

Min. Samuel Vieira Barros Adoração e Artes

Thiago Chabaribery Coordenador de Células da Juventude

Pr. Silvanir Alves da Silva Rede de Células | Família

MISSÕES LOCAIS NA IBB Min. Aux. Alexandre Araújo Missão Esperança Viva - Colombo

OBREIROS NA IBB

Sem. Paulo Wescher Supervisão de Células Missão PIB Bocaiúva do Sul

Antonio da Silva Família

Min. Aux. Rodrigo Otávio Geronasso Supervisão de Células Missão de Piraquara

Ariane Chabaribery Coordenadora de Células da Juventude Edemilson Vieira Coordenação Geral

Sem. João Batista Supervisão de Células Fazenda Rio Grande

Jairo Corrêa Ministério de Educação Cristã

CULTOS ÉTNICOS NA IBB

Marianna Beduschi Coordenadora de Células da Juventude

Pr. Jason John Butler (Interino) Igreja Internacional - Culto em Inglês

Natal Chabaribery Idosos

Pr. Ederaldo Xavier Pontes Igreja Internacional - Culto em Italiano

Rodrigo Ferreira Coordenador de Células da Juventude

Pr. Juan Carlos Nuñes Romero Igreja Internacional - Culto em Espanhol

Rômulo Corrêa Coordenador de Células da Juventude

Aniversariantes 16/06

Alzemir Santos Da Silva_Jr.

19/06

Achiles Biscaia Da Silva

16/06

Ana Luzia Kern

19/06

Clara Engel Schreiber

16/06

Fernanda Camilo De Araújo

19/06

Julio Alves Da Silva

16/06

Jociane Zwerchowski

19/06

Rene Orlando Palte Junior

16/06

Joy Teles Oliveira

20/06

Carla Pinna Guimarães Svoboda

16/06

Kastner Marcelo Drewello

20/06

Francine Traba

16/06

Kéli Cristina Campos

20/06

Sergio Luiz Zem

16/06

Marcia Froma

20/06

Sueli Dos Santos Lima

16/06

Mariane Cogo Iurkoski Esteves Da Silva

21/06

Christiane Pereira

16/06

Michelle Nascimento De Oliveira

21/06

José Joel Corrêa Da Silva

16/06

Paulo Roberto Batista

21/06

Júllia Santos Santini

16/06

Sandra Maria Rosa Da Luz

21/06

Tais De Souza Coelho

16/06

Sidney Chiabai

21/06

Thiago Toledo Nogueira De Castro Souza

16/06

Simone Gonzalez Marinho Martins

22/06

Alzemir Santos Da Silva

17/06

Evaldo Macedo

22/06

Andre Luiz Pinto De Miranda

17/06

João Paulo Camelo Cunha

22/06

Nelson Martins Junior

17/06

Lucas Nogueira Freire Lula

17/06

Marta Friedl Barcelos Treumann Da Silva

17/06

Milena Pacheco De Sousa Xavier

17/06

Viviane Leonel Teodoro De Souza

Aniversariantes das nossas Missões 18/06

Julio Cezar Kubiak (Esperança Viva) Sintia Nara Machado (Piraquara)

18/06

Heloisa Helena De Oliveira Pereira

19/06

18/06

Regina Celia Celebrone Lourenço

19/06

Vanessa Brasil Delgado (Piraquara)

18/06

Tiago Souza Bonetto

22/06

Neuzi Aparecida De Lara (Esperança Viva)

APOIO:

IGREJA FILIADA:

CONVENÇÃO BATISTA PARANAENSE www.batistas.com

www.batistasparana.org.br


Livraria IBB MANUAL DOS JOVENS ESTRESSADOS Esse livro não é um manual comum. Ele não quer ensinar aquilo que nenhum jovem sabe, não quer falar de assuntos tabus, como sexo ou drogas, mas sim bater um papo franco e aberto com o leitor sobre o que pensa, sobre seus medos, seus sonhos. O que está neste livro, um animado diálogo entre o Dr. Cury e o enlouquecido professor iEstresse, é o dia a dia do jovem, aquelas situações pelas quais todos nós já passamos. Ao contar essas histórias, Cury procura não só ajudar os jovens a enfrentar seus desafios, como também mostrar que devem estar preparados para fracassos e vitórias.

R$ 24,90 INFORMAÇÕES E ENCOMENDAS A Livraria da IBB abre no domingo antes e após os cultos. Mais informações pelo e-mail livraria@ibb.org.br ou pelos telefones (41) 8703-0770 e (41) 3363-0327.

Videoteca IBB À PROCURA DA FELICIDADE Uma história inspirada em fatos reais sobre Chris Garner, um vendedor de São Francisco que vive no limite da linha da pobreza. Quando sua mulher Linda o abandona, Chris deve criar sozinho o filho deles de 5 anos. A determinação de Chris finalmente surte efeito quando ele arruma um estágio sem remuneração em um programa ultra-competitivo de analista financeiro, onde somente um em cada 20 candidatos consegue ser efetivado. Mas sem salário, Chris e seu filho são despejados do apartamento em que vivem e são forçados a dormir nas ruas, em abrigos comunitários e até mesmo em banheiros das estações de metrô. Com determinação e o amor e confiança de seu filho, Chris Gardner dá a volta por cima para se tornar uma lenda em Wall Street.


Programação IBB Quinta 20h - Culto de Cura e Libertação Sexta 20h - Encontro Juventude (Adolescentes) 20h - Encontro JUBBA (Juniores) Sábado 20h - Encontro Juventude (Jovens) Domingo 9h - Escola Bíblica Dinâmica 10h45 - Culto Manhã 18h30 - Culto Noite Para saber mais sobre a nossa programação acesse o site www.ibb.org.br

Nosso Site Saiba mais sobre o que acontece na IBB, mais sobre a nossa programação, ministérios e como ser voluntário em nossa igreja pelo nosso site www.ibb.org.br.

Pr. João Caio Bottega Treviso - Itália JMM

Igor e Marcia Shimura Brasil e Moldávia CCI Brasil

Eduardo e Marta Treumann Rio Grande do Sul Org. Palavra da Vida - Sul

Gillyard e Lucilene Ferraz África do Sul JOCUM e IWT Brasil

Raudson e Silvana Reis Minas Gerais JOCUM

Marcos e Silvana Calixto Rio de Janeiro JMM e JMN

Pr. Luís Carlos Magalhães Base em Curitiba JMN

Rosa Brevi Paraguai JMM

Carlos Alberto e Lídia Klava Paraguai e América Latina JMM

Fernando e Yvia Silvado Igrejas Batistas Brasileiras Flórida - EUA

Gilson e Elizabete Bifano Rio de Janeiro Ministério Óikos

Afonsil e Dalva Flores Base no Brasil MIAF

Revista IBB - 16/06/2013 - Edição 181  

Revista semanal da Igreja Batista do Bacacheri.

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you