Issuu on Google+

| VARIAÇÃO NOS ROYALTIES ABALA CAIXA DO ESTADO E DOS MUNICÍPIOS | PAINEL - PÁGINA 3 |

| ESTADO DO RIO DE JANEIRO | QUINTA -FEIRA, 1º DE DEZEMBRO DE 20 16 | ANO LXX X | Nº 3 4. 311 | R$ 1 | QUINTA-FEIRA, 201 LXXX 34 Divulgação

AVIÃO DEVERIA REABASTECER EM BOGOTÁ No dia em que um áudio da conversa entre o piloto da aeronave e o centro de comando do aeroporto de Medellín foi divulgado, no qual o piloto diz claramente que o avião estava sem combustível, um diretor da Lamia afirmou que plano de voo previa parada para reabastecimento em Bogotá.

COMISSÁRIA DIZ QUE APAGOU NA QUEDA

NITERÓI TAMBÉM É CHAPE Um dia após ao trágico acidente envolvendo a delegação da Chapecoense, o Museu de Arte Contemporânea se coloriu de verde em solidariedade aos familiares das vítimas e assim ficará até o dia 6.

PÁGINA 10

NITERÓI TRAZ MAIS R$ 350 MILHÕES PARA OBRAS NA REGIÃO OCEÂNICA

Recursos serão aplicados na revitalização do entorno da Lagoa de Piratininga, revitalização de rios e obras de infraestrutura. PÁGINA 3 Raquel Morais

AUDIÊNCIAS IRÃO DISCUTIR AUMENTO DE ALÍQUOTA PREVIDENCIÁRIA

PRAIAS DE MACAÉ TÊM AÇÕES DE SEGURANÇA REFORÇADAS NA OPERAÇÃO VERÃO

PÁGINA 3

PREFEITURA DE SG PODE SER MULTADA SE NÃO RETIRAR LIXO DAS RUAS

Divulgação

PÁGINA 3

SEM VERBA, FAZENDA COLUBANDÊ NÃO TERÁ ILUMINAÇÃO DE NATAL ESTE ANO

PÁGINA 4

PÁGINA 6

PROBLEMAS TÉCNICOS ATRASAM OBRAS DO BICICLETÁRIO DO CENTRO DE NITERÓI PÁGINA 6

PÁGINA 6

DAS ESCOLAS PARA AS RUAS AMOR EM VERSO E PROSA, E GRATUITO EM NITERÓI

Professores e alunos do Colégio Estadual Brigadeiro Castrioto, em São Lourenço, protestaram ontem contra a decisão do Estado em acabar com o turno da noite. O grupo chegou a fechar a Ponte Rio-Niterói por 10 minutos. P.5 Divulgação

POLÍCIA DESCOBRE QUE BANDIDOS DO SABÃO ROUBAVAM PARA PAGAR DÍVIDA

EM RIO DAS OSTRAS, COMISSÃO DE TRANSIÇÃO INICIA AÇÕES COM RELATÓRIO

 CAIS DO PORTO

ODEBRECHT NÃO QUER FECHAR ESTALEIRO ENSEADA

PÁGINA 7

EDIÇÃO 10 Páginas FECHAMENTO 22:00 ACOMP ANHA A EDIÇÃO Agência Estado ACOMPANHA

PÁGINA 5

PÁGINA 4


2

QUINTA-FEIRA, 1º DE DEZEMBRO DE 2016

www.atribunarj.com.br

ADJORI-RJ

Fundado em 26 Novembro de 1936 assinaturaatribuna@gmail.com A TRIBUNA é uma publicação da Editora Esquema Ltda Assinatura: CNPJ: 30.108.948/0001-26 T r i m e s t r a l ................................................................. R$ 56,70 Diretoria Diretoria: Jourdan Amóra Eva de Lourdes Santana Amóra S e m e s t r a l ................................................................. R$ 113,40 Gustavo Santana Amóra Editor: Gabriel Felice A n u a l ........................................................................... R$ 226,80

Endereço: Rua Professor Heitor Carrilho, 350F, Representante Comercial Brasília: Central de Comunicação - SCS QD. 02 BL."D" Ed. Oscar Nie- Endereço Centro, Niterói - RJ - Cep: 24.030-230 mayer S/ 1002, CEP 70316-900 . Fone/Fax: (61) 3323-4701. brasilia@centralcomunicacao.com.br

EDITORIAL ARRUMANDO A CASA

Telef ones: (021) 2719-1886 / 2621-4986 elefones:

Evento reúne alunos da rede no Clube Mauá Divulgação

Em casa onde há fartura todos querem sentar-se à mesa, mas em casa que falta pão todos brigam e ninguém tem razão. O Brasil viveu, nos últimos anos, a farra de quem está no Poder arranjando meios legais ou atos de corrupção na busca de ganhos maiores em contraste com a miséria reinante em quase todas as regiões regiões e com uma ação social destinando pequenos valores para quem está na linha da pobreza e com a falta de visão administrativa mantendo um distorcido programa de aluguel social. Falta bom senso no país, que precisa de equilíbrio administrativo, para enfrentar os seus problemas. Não é admissível, por exemplo, quem ganha o teto-salarial ter direito a auxílio-moradia. Não é justo manter-se um programa de doação de ninharias, quando se pode criar condições de trabalho através de cooperativas para a garantia de empregos. É incompetência pagar R$ 10 milhões para cinco mil desalojados e deixar um número superior de unidades do Minha Casa Minha Vida desocupado. Também não é justo ao idoso com boas condições de vida usufruir do passe do idoso e tantos outras situações anormais. As pessoas precisam ter consciência de que, estando em boa situação, não devem buscar direitos que devam ser atribuídos por aqueles que efetivamente necessitam do apoio do Estado. Precisamos voltar àqueles tempos de cooperação consciente, com a prática de serviços para se melhorar a cidade ou o bairro onde se vive, sabendo que a melhoria é para terceiros mas também para si próprio. Eram os tempos em que o dono da casa, por exemplo, varria a frente da sua moradia e gostava de ver a rua limpa, para seu bem e de todos os passantes. Temos de ter a consciência da individualidade como parte integrante da coletividade.

OTACÍLIO BARROS

ENT ÃO É NA TAL... ENTÃO NAT Essa frase dá início a uma versão gravada pela cantora Simone de uma música de John Lennon. E é assim, com espírito natalino, que começamos a nos preparar para este mês de dezembro, sendo mais iguais, mais fraternos, mais solidários, mais caridosos, mais misericordiosos, pensamos mais no perdão, enfim, mais amorosos. E por que tudo isso? Porque refletimos mais sobre a mensagem de amor deixada pelo grande aniversariante do mês: Jesus Cristo. Só que, meus amigos, a mensagem do Mestre Galileu não deve se resumir somente a um mês, mas a todos os dias das nossas vidas. Há quem questione, por exemplo, a caridade feita individualmente, ou seja, a uma só pessoa. Dizem os que se julgam donos da verdade, que a caridade deve ser feita em bloco, a muitas pessoas, entidades etc, pois de nada adianta ajudar apenas um só que já está perdido em meio as trevas, excluido da sociedade, abandonado pelas ruas das grandes cidades. Muitos até confundem caridade com assistencialismo. Quanta falta de compreensão das palavras do Mestre. É só ver a Parábola do Bom Samaritano: “...Porquanto eu tive fome e me destes de comer, tive sede e me destes de beber, tive necessidade de teto e me hospedastes, estive nu e me vestistes, estive doente e me haveis visitado, estive preso e me fostes ver”. E então os justos lhe perguntarão: “Senhor, quando foi que nós te vimos com fome e te demos de comer, ou com sede e te demos de beber? Quando foi que te vimos sem teto e te abrigamos, sem roupas e te vestimos, ou enfermo, ou no cárcere, e te fomos visi-

tar”? E o Mestre lhes responderá: “Em verdade vos digo, todas as vezes que fizestes isso a UM destes meus irmãos mais humildes, foi a mim que fizestes”. Meus caros leitores, enquanto nós nãos sairmos do discurso e formos para a prática cristã preconizada pelo Cristo, não estaremos vivenciando o verdadeiro Evangelho deixado por ele, palavras verdadeiras para que possamos chegar algum dia à verdadeira luz! “Toda a moral de Jesus se resume na caridade e na humildade, isto é, nas duas virtudes contrárias ao egoísmo e ao orgulho”. E o que é a caridade senão o AMOR em movimento? Bemaventurados, disse ele, os humildes, porque deles é o reino dos céus; bem-aventurados os que têm o coração puro; bemaventurados os que são brandos e pacíficos; bem-aventurados os que são misericordiosos; amai ao vosso próximo como a vós mesmos; perdoai as ofensas, se quereis ser perdoados. E por aí segue o discurso do Mestre. Eu costumo me lembrar cotidianamente do BIP, que é Benevolência para com todos, Indulgência e Perdão das Ofensas. É dificil pensar nisso todos os dias e em todos os momentos das nossas vidas? É claro que é, temos que fazer um exercício constante para que possamos tentar, pelo menos, utilizar essas ferramentas divinas. Mas alguém já disse que “administrar é ser repetitivo”. Portanto, sejamos repetitivos e tentemos seguir os ensinamentos do Mestre para que consigamos viver o verdadeiro cristianismo durante todos os dias e não só na época do Natal. Infelizmente, agosto foi em novembro este ano. Força Chapecó!!!

EVENTO faz parte do movimento #Tamojunto9ºano e mostra a importância de dar continuidade aos estudos

Cerca de 500 estudantes do Ensino Fundamental passaram pelo Clube Mauá durante a feira colaborativa “Tarde do Futuro” realizada pela secretaria municipal de Educação de São Gonçalo em parceria com o Instituo JCA. O evento faz parte do movimento #Tamojunto9ºano que tem como objetivo acompanhar, informar e orientar jovens entre 13 e 29 anos sobre o futuro escolar e demonstrar a importância de dar continuidade aos estudos. Na feira, realizada na sexta-feira (25), alunos do 8º e 9º ano de escolas públicas e particulares tiveram a oportunidade de conversar com colegas que já chegaram ao Ensino Médio e de conhecer as opções de cursos oferecidos por algumas instituições de ensino, como por exemplo, a Escola Técnica Estadual Henrique Lage, vinculada à Fundação de Apoio à Escola Técnica (Faetec). Os jovens também participaram de pequenos debates sobre temas atuais ligados à Educação como a Reforma do Ensino Médio (PEC 241), além de terem acesso a oficinas de arte, DJ, comunicação, entre outras. “A “Tarde do Futuro” é uma culminância do nosso projeto “De Olho no Futuro”, que prepara os alunos da rede para os processos seletivos de escolas públicas de referência.

Esse evento foi desenvolvido com o apoio de vários parceiros, instituições públicas e privadas que estão aqui gratuitamente para passar informações para os alunos. Nossa proposta é estimular nesses jovens o desejo de estudar e de fazer um Ensino Médio de qualidade, Ano passado, vários alunos que participaram do “De Olho no Futuro” passaram para excelentes instituições como o Pedro II, o Iserj, da rede Faetec e outras escolas técnicas. Isso é muito gratificante” afirma a secretária municipal de Educação, Vaneli Chaves. De acordo com o coordenador do “De Olho no Futuro”, professor Júlio Vidal, atualmente 300 alunos participam do projeto, que é uma espécie de curso preparatório para os processos seletivos de escolas de Ensino Médio. As aulas acontecem aos sábados ou no contraturno escolar em quatro polos: Colégio Municipal Presidente Castello Branco, no Boaçu; Colégio Municipal Ernani Faria, em Neves; Colégio Municipal Estefânia de Carvalho, no Laranjal, e na Escola Municipal Almirante Alfredo Carlos Soares Dutra, no Alcântara. “Nosso objetivo é entregar o aluno da rede o mais prepardo possível para o Ensino Médio. Esse evento é um piloto. Nossa proposta é promo-

ver esse encontro todos os anos porque ele nos mostra novas formas de trabalhar com o aluno. Por termos aqui um espaço múltiplo, com diversas atividades, bate papo, debates, a gente conhece os interesses dos jovens, entende a dinâmica deles e fica mais fácil intervir positivamente no processo ensino aprendizagem que, hoje em dia, não se esgota mais nas salas de aula”, destaca o professor Júlio Vidal. As estudantes Ana Beatriz Souza, 14 anos, da Escola Municipal Raul Veiga; Mariana dos Santos, 15 anos, e Rayssa Buker, 14 anos, da Escola Municipal Pastor Ricardo Parise, participam do “De Olho no Futuro” e afirmaram que estão muito felizes com o projeto: “No projeto temos como trabalhar melhor o conteúdo das matérias dadas em sala de aula e de tirar as nossas dúvidas. É excelente”, contou Rayssa. Ana Beatriz completou: “Estamos nos preparando para a prova do Pedro II e estávamos estudando em casa, sozinhas. Os cursos que encontrávamos ou eram muito caros ou no mesmo horário da escola. Estávamos com muitas dificuldades porque a gente estudava mas não tinha como tirar as dúvidas. Agora com o projeto é muito diferente. Estamos nos sentido bem mais preparadas”.

Ministério da Saúde anuncia concurso para 102 vagas O Ministério da Saúde anuncia na segunda-feira, 28, a realização de novo concurso público para preencher 102 vagas em cargos de nível superior para exercício e lotação nos Distritos Sanitários Especiais Indígenas que compõem a Secretaria Especial de Saúde Indígena. São disponibilizadas oportunidades nas funções de Administrador (34), Analista Técnico de Políticas Sociais (34), e Contador (34), em jornada de 40h semanais de trabalho e salários

Cartas FECHAMENTO DO EJA É uma vergonha o que o governo do estado quer fazer com os alunos do turno da noite, acabar com o Ensino de Jovens e Adultos é um crime. Nós que buscamos uma qualificação melhor na vida profissional, estamos sendo podados. Temos que mudar o cenário na marra, ir para rua e acabar com essa política de exclusão. Maria do Rosário

variáveis de R$ 4.784,27 e R$ 5.744,88. Há ainda o auxílio alimentação no valor de R$ 458,00. O concurso público será realizado sob a responsabilidade do Instituto de Desenvolvimento Educacional, Cultural e Assistencial Nacional - IDECAN, e consistirá de provas objetivas de múltipla escolha e discursivas para todos os cargos, de caráter eliminatório e classificatório; e avaliação de títulos somente para o cargo de Analista

Técnico de Políticas Sociais, de caráter apenas classificatório. As fases classificatórias serão realizadas nas 27 capitais da Federação, devendo o candidato optar pela cidade onde deseja realizar as provas no ato da inscrição. Para se inscrever é necessário acessar o site do Idecan www.idecan.org.br, a partir das 14h do dia 5 de dezembro de 2016 até às 23h59 do dia 05 de janeiro de 2017. A taxa de participação deve ser paga por meio de GRU.


3

QUINTA-FEIRA, 1º DE DEZEMBRO DE 2016

PAINEL

painel@atribunarj.com.br

VARIAÇÃO NOS ROY AL TIES ABALA ROYAL ALTIES CAIXA DO EST ADO E DOS MUNICÍPIOS ESTADO

Anistia de multas

De olho no Alvorada

Algumas prefeituras já estão estudando a possibilidade de conceder anistia de multas e juros nas contas do IPTU atrasado, visando melhorar a receita e facilitar a vida dos que estão enfrentando dificuldades para manter atualizados os débitos, seja por desemprego ou pelos atrasos no recebimentro de vencimentos, como ocorre com os servidores estaduais. Em janeiro as prefeituras estarão cobrando o IPTU-2017 e a maioria delas já arbitrou valores com acréscimos, em alguns casos, acima da inflação. O quadro é difícil porque as prefeituras precisam de receita e a cobrança, através de leilões de imóveis em situação de inadimplência, não engordará os cofres municipais.

O confronto dos dois últimos trimestres de participação especial nos royalties do petróleo indicou grandes perdas para o Governo do Estado do Rio e melhoria para outros fora da área do Grande Rio, que foi a mais prejudicada. A participação especial decorre do aumento da produção no município produtor e seu confrontante, ocorrendo redução quando o grupo explorador desconta os investimentos realizados para a exploração, previstos no contrato de participação das empresas. O Estado e os prefeitos levaram grande susto quando receberam os valores do terceiro trimestre. No caso do Estado do Rio a redução do segundo trimestre para o terceiro foi de R$ 478,5 milhões para R$ 183,6 milhões, enquanto o Espírito Santo teve uma elevação de R$ 125,9 milhões para R$ 158 milhões. Veja os pagamentos feitos feitos pela ANP referentes aos dois semestres: MUNICÍPIO

2O TRIMETRE

Campos

17,2 milhões ................................ 24,5 milhões

Presid. Kennedy (ES)

16,3 milhões ................................ 20,5 milhões

Itapemerim (ES)

11,7 milhões ................................ 15,6 milhões

São João da Barra Cabo Frio Marataízes (ES) Rio das Ostras

3O TRIMESTRE

7,4 milhões .................................. 7,7 milhões 91,9mil .................................. 3,4 milhões 3,3 milhões ................................. 3,3 milhões 246 mil .................................. 2,7 milhões

Maricá

46 milhões .................................. 2,6 milhões

Niterói

40,5 milhões .................................. 2,3 milhões

Rio de Janeiro

HOJE NA HISTÓRIA

7,5 milhões ......................................... 439 mil

O preço do barril do petróleo subiu, terça-feira, para R$ 49 o barril, com uma alta de 7% em função da redução da produção decidida pela Opep.

Dossiê secreto O ex-governador Anthony Garotinho disse não ter nenhum dossiê secreto e sim uma documentação, com provas para fundamentar queixa-crime contra o ex-governador Sérgio Cabral e outros implicados, que protocolou no dia 4, junto a Pro-

curadoria Geral da República. A segunda parte da documentação deveria ser entregue na audiência que teria no dia 24, na Procuradoria Geral da República, fato não confirmado em função da sua prisão determinada pelo juiz eleitoral de Campos.

1º DE DEZEMBRO Em meio ao regozijo pela aprovação, em Comissão do Senado, da PEC que apresentou em 2013, extinguindo o foro privilegiado para autoridades presas, o senador Àlvaro Dias, do Paraná, foi abonado pela previsão de um astrólogo prevendo que em 2017 ele deverá ser eleito indiretamente para a Presidência da República. Segundo o vidente, Temer não terminará o mandato, Lula será preso e Ciro Gomes (PDT) também disputará a eleição indireta, para completar o mandato presidencial iniciado por Dilma. Os dois têm se movimentado como candidatos à Presidência, em 2018. Álvaro Dias saiu do PSDB e ingressou no PV, enquanto seu irmão, Osmar Dias, ficou no PDT e será candidato a governador do Paraná. Não se pode descartar a hipótese da coligação PDT-PV, com um sendo presidente interino e outro tendo o apoio para o mandato seguinte.

Dólar baixo O mercado de câmbio fechou com uma baixa de 0,25%, ficando o dólar cotado a R$ 3,387.

Prefeitura de Niterói assina contrato de R$ 350 milhões para Região Oceânica

Novo líder do governo, vereador Milton Cal convoca base a trabalhar em conjunto WELLINGTON SERRANO Divulgação

O prefeito de Niterói, Rodrigo Neves, assinou ontem, em Brasília, o contrato de financiamento com o CAF (Banco de Desenvolvimento da América Latina), no valor de R$ 350 milhões, para a execução do programa Região Oceânica Sustentável (PRO-Sustentável). O projeto, que tem prazo de execução de dois anos após o início de sua vigência, levará obras de infraestrutura, drenagem, pavimentação e mobilidade à Região Oceânica, além de desenvolvimento sustentável e recuperação ambiental. Rodrigo Neves, que estava acompanhado do vice-prefeito, Axel Grael, destacou que as tratativas para este projeto se iniciaram no primeiro semestre de 2014, e que o CAF é uma agência de cooperação internacional, presente em 19 países da América Latina, que, assim como o BID - Banco Interamericano de Desenvolvimento, é extremamente exigente quanto à qualidade técnica dos projetos e à gestão fiscal. A prefeitura cumpriu dezenas de etapas, desde a apresentação do projeto no Panamá, até a aprovação da Secretaria do Tesouro Nacional, Secretaria de Assuntos Internacionais do Ministério do Planejamento, Senado, Câmara dos dos Vereadores, Procuradoria da Fazenda Nacional, dentre outros órgãos. O prefeito disse, ainda, que esse é um programa inovador que integra ações e projetos de infraestrutura, como drenagem e pavimentação de ruas, com projetos ambientais, como a renaturalização do Rio Jacaré, a recuperação do entorno da Lagoa de Piratininga e a implantação de ciclovias. “Estou muito orgulhoso e feliz pois a assinatura desse acordo hoje somente foi possível com muita dedicação e trabalho de toda a nossa equipe. Nos últimos dois anos trabalhamos muito na elaboração desse programa e aprovação em vários órgãos, superando vários obstáculos. A assinatura com um organismo internacional como o CAF reforça a credibilidade da gestão e a qualidade técnica da equipe da Prefeitura de Niterói”, disse Neves.

RODRIGO NEVES assinou o contrato junto ao diretor do CAF, Diego Vettori

O prefeito ressaltou ainda que os recursos irão assegurar uma agenda positiva de investimentos para a cidade nos próximos dois anos. “Apesar desses recursos não poderem ser utilizados para custeio e pagamento de pessoal, eles serão muito importantes porque vão assegurar nos próximos dois anos para nossa cidade uma agenda positiva de investimentos em infraestrutura. Vamos realizar a drenagem e a pavimentação das ruas do Engenho do Mato, Serra Grande, Maravista, Boa Vista e Santo Antônio, avançando em nosso objetivo de melhorar a qualidade urbana e de vida na Região Oceânica e em Niterói. Além disso, o programa é inovador porque integra a agenda de infraestrutura com importantes projetos ambientais”, afirmou o prefeito. Para o diretor-representante do CAF

1640 1640- Portugal livra-se do jugo espanhol. 1822 1822- Príncipe Regente é coroado solenemente como Imperador. 1900 1900- O território do Amapá, disputado pelos franceses, fica com o Brasil, por arbitragem da Suíça. 1933 1933- Governo assume a metade das dívidas dos cafeicultores. 1935 1935- Chiang Kai-Shek é eleito presidente da China. 1962 1962- É criado o 12º Batalhão de PM, substituindo ao 5º Batalhão. 1970 1970- Divórcio é instituído na Itália. 1973- Morre David Bem Gurion. 1962 É criado o 12º Batalhão de PM, em Niterói. 1977 1977- Geisel promete substituir as leis de exceção por salvaguardas constitucionais. 2008 2008- Deixa de circular a “Tribuna da Imprensa”, fundada em 27 de dezembro de 1949, por Carlos Lacerda.

no Brasil, Victor Rico, Niterói precisa muito dessa iniciativa, que engloba o que há demais moderno em ternos de projetos de desenvolvimento urbano. “Esse projeto tem uma abordagem integrada que melhora a qualidade de vida e promove a sustentabilidade ambiental. Estamos honrados com esta parceria com a cidade, que mudará a situação para melhor por tanto tempo e para tantas pessoas”, afirmou Rico. Também participaram da assinatura do contrato o senador e prefeito eleito do Rio de Janeiro, Marcelo Crivella, o secretário executivo do Ministério da Fazenda, Eduardo Guardia, e o diretor do CAF, Diego Vettori. “Nessa reta final, a colaboração do senador Crivella foi importante no diálogo com o Ministério da Fazenda”, declarou o prefeito Rodrigo Neves.

MAIS QUALIDADE DE VIDA PARA A RO O PRO-Sustentável contempla obras de infraestrutura, urbanização e de sustentabilidade ambiental, incluindo pavimentação das vias oceânicas, requalificação nas áreas do entorno da TransOceânica, sistema de controle semafórico, iluminação, renaturalização do Rio Jacaré, projeto paisagístico, além da implantação de um parque na orla da Lagoa de Piratininga, a construção de um Centro de Referência em Sustentabilidade Urbana e de um plano de gestão para a Região Oceânica, entre outros. O programa inclui também a construção de 57 quilômetros de malha cicloviária, 100 bicicletários abertos e dois cobertos completos, cada um com capacidade para 200 bicicletas.

Em conversa exclusiva com a equipe de reportagem de A TRIBUNA como líder do governo novamente, o vereador Milton Cal (PP), após encontro com o prefeito Rodrigo Neves (PV), disse que vai convocar a base para trabalhar em conjunto com o governo. O vereador ressaltou o difícil momento econômico pelo qual passa o País, Estado e o Município e vai pedir o auxílio dos colegas para realização de novas audiências públicas para discussão das mensagens do executivo que tratam da carga tributária. "Elas (as mensagens) não vieram ainda, mas temos que estar preparados. Na questão tributária temos dois problemas: a questão das alíquotas (previdenciárias), que vai ter que ser discutido amplamente em audiência pública com o Executivo,

junto a medida que tira os benefícios e as incorporações para acabar com os supersalários. Então, são duas medidas que tem que ser feitas para ajustar o orçamento para garantir o pagamento do funcionalismo público”, disse Cal. O vereador defendeu o diálogo e disse que vai pedir aos secretários de Fazenda e Planejamento para abrirem as contas públicas do governo. Ele disse que o prefeito pediu para acabar com a sangria da Previdência. “Hoje, Niterói arrecada pouco em relação ao que tem como despesa. Temos que fazer algo agora para que no futuro os servidores aposentados não fiquem sem receber salários. A questão previdenciária é um problema grave. O Instituto segue com rombo de quase R$ 210 milhões por ano e temos que resolver logo isso”, disse o líder do governo.

PACOTE DE AJUSTE FISCAL Segundo Cal, o prefeito apresentará na próxima semana à Câmara um pacote com 47 medidas de ajuste fiscal que visam à economia de pelo menos R$ 158 milhões em 2017. As principais preveem a redução do rombo nas contas da NiteróiPrev, o fundo de previdência do município. Por meio de projeto de lei, a prefeitura vai propor um aumento dos atuais 11% de contribuição previdenciária para 12,5% já no ano que vem; em 2018, este percentual passará para 14%.

Câmara marca audiências para discutir TransOceânica e OUC Três audiências públicas foram programadas para os dias 9, 14 e 16 de dezembro pela Câmara de Vereadores de Niterói. A primeira, dia 9, às 19 horas, debate mobilidade e segurança viária em Niterói, solicitada pelo vereador Paulo Eduardo Gomes (PSol). A próxima, 14, vai debater a Mensagem-executiva 09/2016 que modifica o prazo para aprovação de projetos utilizando a outorga onerosa na área de abrangência da Ope-

ração Urbana Consorciada do Centro de Niterói. A última, 16, discute a Mensagem 10/2016 sobre as construções já existentes ao longo do corredor viário da TransOceânica e a necessidade de uma nova legislação para protegê-las. As duas últimas audiências começam às 14 horas, no Plenário Brígido Tinoco, e são organizadas pela Comissão de Urbanismo, Obras, Serviços Públicos, Transporte e Trânsito.


4

QUINTA-FEIRA, 1º DE DEZEMBRO DE 2016

CIDADES

‘Operação Verão’ reforça segurança em Macaé

Comissão de Transição elabora relatório com ações em Rio das Ostras

Divulgação

Patrulhamento envolve 30 guardas nas praias Campista, Cavaleiros e Pecado Divulgação

GRUPOS dois dois prefeitos têm se reunido na cidade

AS AÇÕES seguirão até março e contam com rondas motorizadas e a pé e uso de cães em pontos mais frequentados da cidade

Para aumentar a segurança nas orlas e área central de Macaé, a Secretaria de Ordem Pública reforçou o patrulhamento nesses locais. A Operação Verão começou este mês e segue até março de 2017, com 30 guardas municipais, dez viaturas, dois cães e duas bicicletas. O objetivo é aumentar a ronda, motorizada e a pé, em pontos mais frequentados durante esse período do ano. De acordo com o secretário de Ordem Pública, André Luiz Monteiro, a distribuição dos guardas está mais intensa nas

Quissamã promove campanha de prevenção à Aids A política de prevenção à saúde continua sendo uma das prioridades para a Prefeitura de Quissamã. Por isso, a Secretaria Municipal de Saúde, por meio do Programa DST/Aids e Hepatites Virais, participa da Campanha Mundial de Luta Contra a Aids 2016, cujo dia foi lembrado ontem. A programação, que prevê diversas atividades em dezembro, foi aberta pela manhã, no auditório do Centro Cultural Sobradinho. O público-alvo é a população, de um modo geral e, em especial, jovens e adolescentes. As ações de prevenção contarão com oficinas educativas, palestras, distribuição de preservativos e outras ações no município. A campanha contará com o apoio de nove Unidades Municipais de Saúde (ESF), o Centro de Saúde Benedito Pinto das Chagas e o setor de Fisioterapia do Centro de Saúde. Durante as atividades, serão distribuídos preservativos masculinos e femininos, fôlderes aos usuários da rede do SUS e também haverá aconselhamento e oferta de testagem rápida para o HIV aos usuários. Estão envolvidos no trabalho, médicos, enfermeiros, técnicos de enfermagem, psicólogos, assistentes sociais.

orlas das praias Campista, Cavaleiros e Pecado, das 8h às 23h30min, além do Centro e bairros vizinhos, como Imbetiba e Visconde de Araújo, no horário comercial. “A ideia é coibir furtos e assaltos a pedestres. Nessa época de festas e calor, o fluxo de pessoas nessas áreas aumenta”, explica o secretário. O vendedor de água de coco João Marcos Nogueira, de 48 anos, há 25 anos na Praia dos Cavaleiros, revela que a ação melhora a segurança para todos. “Fico mais seguro com esse patrulhamento e nossos clientes

também”, confirmou a professora aposentada Tânia Maria de Souza, 68 anos. Ela conta que todos os dias passa pelo local para se refrescar. “É ótimo caminharmos na orla e ter essa sensação de segurança”, confirma. A ação conta com o Grupo de Apoio Operacional (Gaop) e Grupamento de Cães. O efetivo da área administrativa e patrimonial foi migrado para as rondas ostensivas, sem afetar o atendimento em escolas. O secretário acrescenta que a iniciativa busca, ainda, evitar um alto índice de crimi-

nalidade como roubo de celulares e bolsas. “A presença dos guardas municipais inibe essas ações. Além disso, o trabalho tem parceria com a Polícia Militar. O intuito é alternar esse patrulhamento com a polícia”, destacou André Luiz. SERRA A região serrana também recebe a operação. São duas viaturas e efetivo da Guarda Ambiental motorizado e a pé. O patrulhamento tem seis guardas que reforçam a segurança na área urbana dos distritos.

O prefeito de Rio das Ostras, Alcebíades Sabino (PSDB), entregou na última terça-feira relatórios detalhados de gestão com todas as ações desenvolvidas durante a gestão 2013/2016 à equipe de transição indicada pelo prefeito eleito Carlos Augusto Carvalho Balthazar (PMDB), que teve 28.064 votos conquistados. A medida é para que o próximo governo possa dar continuidade aos serviços já desenvolvidos. O decreto de número 1580/2016 instituindo a Comissão de Transição de Governo 2013/2016 foi publicado no Diário Oficial do Município no dia 25 de novembro. Os relatórios têm informações detalhadas das ações desenvolvidas e também em andamento pela Prefeitura. Foram nomeados pelo prefeito Sabino para fazer parte da transição o atual Chefe de Gabinete, Aldem Vieira de Souza Júnior; o Procurador-Geral do Muni-

cípio, Eduardo Pacheco de Castro; o Presidente do Fundo Municipal de Saúde, Luiz Mariano Rodrigues Jatobá; o Secretário Municipal de Fazenda, João Batista Esteves Gonçalves; o Secretário Municipal de Planejamento, Habitação e Urbanismo, Maurício Paraguassu Pinheiro; a Secretária Municipal de Educação, Andréa Machado Pereira de Carvalho; e o Secretário Municipal de Administração e Modernização da Gestão Pública, Peker Gonçalves da Mata. De acordo com o prefeito Alcebíades Sabino, a entrega dos relatórios é importante para que não haja uma descontinuidade nos serviços já desenvolvidos pela Prefeitura. “A prefeitura está completamente aberta e disponível para prestar todas as informações necessárias. Nosso desejo é contribuir para que a próxima gestão possa realizar todas as suas promessas”, afirma o prefeito Sabino.


QUINTA-FEIRA, 1º DE DEZEMBRO DE 2016

5

CAIS DO PORTO Errei, erramos Na matéria publicada semana passada sobre evento no Clube de Engenharia erramos ao escrever que ele havia sido organizado pela ABECOON em conjunto com aquela entidade. O encontro foi organizado pelo Clube de Engenharia e o empresário Tomaso Garzia Neto, e os outros palestrantes foram convidados pelo presidente do clube, Pedro Celestino. A coluna pede desculpas aos organizadores, aos palestrantes e aos leitores por esse lamentável engano. Espero, nas próximas notas, não cometer erros dessa natureza. Espero também que o assunto esteja devidamente esclarecido.

Repetro O ministro de Minas e Energia, Fernando Coelho, disse que a renovação do Repetro ocorrerá “em breve” e estenderá os benefícios à indústria petrolífera por mais 20 anos. O governo está “fechando” a revisão da política de conteúdo local e o Conselho Nacional de Política Energética vai analisar o assunto dia 14 de dezembro. O Repetro é um regime aduaneiro especial para exportações e importações na cadeia de óleo e gás. Os benefícios terminam em 2019. A indústria alega que, por lidar com projetos de longo prazo, precisa de previsibilidade para executar seus investimentos.

Estrategicamente Coelho Filho também disse que está adiantada a revisão da política de conteúdo nacional, sob coordenação do Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços. O objetivo é garantir um ambiente mais amigável para os próximos leilões do setor Afirmou ainda, durante ato no Palácio do Planalto para sanção das mudanças na legislação referentes à participação da Petrobras na exploração de campos do pré-sal, que preservar os interesses da empresa é dar-lhe o direito de escolher onde aplicar investimentos. Ela só participará somente do que fizer sentido estrategicamente.

GILBERTO NAHUM caisdoporto@atribunarj.com.br

Cauby, Cauby !!!

ODEBRECHT NÃO QUER FECHAR EST ALEIRO ENSEADA ESTALEIRO O Grupo Odebrecht informou em nota ao jornal o Valor que não há planos para encerramento das atividades do Estaleiro Enseada, na Bahia, que deveria construir seis das 28 sondas para a Sete Brasil que foram encomendadas pela Petrobras em 2011. Está em análise o desenvolvimento de outros negócios no local. De acordo a companhia, neste momento, há uma reestruturação do endividamento em andamento, em função dos problemas derivados da Sete Brasil. Especificamente sobre os contratos da Sete Brasil, a Odebrecht alega que continua em negociação com a empresa, mas “em função das cláusulas de confidencialidade que regem os contratos, a empresa.

Enseada não pode se pronunciar sobre o assunto”. A Odebrecht ressaltou que busca conquistar novos contratos para a atuação naval offshore e, além disso, desenvolver “novas oportunidades que agreguem valor ao ativo existente a partir de estratégia de diversificação do negócio”. O grupo afirma que o estaleiro representa “um importante ativo industrial” para dar sequência a sua atuação no mercado de construção naval e offshore. “Enseada também está plenamente capacitado a produzir navios para outros segmentos além daqueles estritamente ligados à indústria do petróleo”, informa a companhia na nota. Conforme a nota são avaliadas ainda oportunidades

para usar a estrutura e o espaço do estaleiro para “atrair investidores de longo prazo” e desenvolver negócios na área logística para armazenagem de combustíveis, “em face do crescimento da demanda por combustíveis e da baixa perspectiva de aumento de oferta nacional”, e de outros produtos. O objetivo é “potencializar” a atividade portuária da Unidade Paraguaçu, dentro do estaleiro — terminais de uso privado, cais e área de armazenagem. O grupo também considera usar a capacidade de fabricação e montagem do estaleiro — desenvolvida para navios — para fornecer soluções integradas de engenharia e construção para parques eólicos.

SOROS VOL TA A COMPRAR AÇÕES DA PETROBRAS VOLT O megainvestidor George Soros, com fortuna estimada em US$ 25 bilhões, voltou a apostar na Petrobrás e comprou mais de 1,5 milhão de ações da empresa brasileira nos Estados Unidos, mostram documentos oficiais enviados pela gestora do bilionário para a Securities and Exchange Commission (SEC, a reguladora do mercado de capitais dos EUA). Soros já havia investido em outros momentos na Petrobrás, mas os dados da SEC mostram que, em junho de 2015, ele tinha 636 mil ações e, no trimestre seguinte, se desfez dos papéis, zerando sua posição. O presidente da Petrobrás, Pedro Parente, fez uma palestra na semana passada em Nova York para mais de 400 pessoas e ressaltou o esforço para tornar a petroleira mais produtiva e rentável,

além de dificultar que práticas de corrupção voltem a ocorrer. O evento atraiu várias gestoras de Wall Street, entre elas, a BlackRock. Analistas afirmam que as mudanças que vêm sendo feitas na empresa, com foco na produção de petróleo, venda de ativos não estratégicos e reforço na governança e controles internos vêm tendo reflexos positivos para a percepção da companhia. Entre as casas dos EUA que melhoraram a avaliação para a Petrobrás nos últimos meses estão o Raymond James e o Citigroup. O mais recente documento com as movimentações de Soros, divulgado com dados do terceiro trimestre de 2016, mostra que o investidor resolveu esperar um ano para voltar a apostar em Petrobrás. A estatal é a única empresa brasileira que Soros tem em sua carteira.

O megainvestidor aplica de forma indireta em outras companhias que atuam no País, como a AB InBev. Na América Latina, Soros tem papéis da Pampa Energia e do grupo Galicia, ambas argentinas. Outros megainvestidores em Wall Street resolveram aplicar na estatal brasileira por meio de American Depositary Receipts (ADRs), recibos de ações da empresa listados na Bolsa de Nova York. Entre eles, Robert Citrone, com US$ 12 bilhões em ativos, dono da Discovery Capital Management, que reportou ter mais de 27 milhões de papéis da petroleira. Já a DE Shaw, com US$ 40 bilhões sob gestão, tem 3 milhões de ADRs. Jim Simons, que administra mais de US$ 36 bilhões, tem 411,5 mil papéis da estatal.

Desde julho o túnel entre Jacarepaguá e Sulacap, no Rio passou a se chamar Cauby Peixoto. Justíssima homenagem a uma das vozes mais lindas do cancioneiro brasileiro. Cauby nasceu em Niterói (1931) e morreu em maio passado. Era o caçula entre seis irmãos, Aracy, Moacyr, Andyara, Araken e Iracema. Os homens músicos, as irmãs cantoras. Criado no Fonseca, estudou com os Salesianos, morou em São Francisco. Mudou-se para São Paulo mas nunca esqueceu Niterói, a cidade de seu coração. Só falta agora Niterói prestar digna homenagem a um de seus filhos mais destacados.

Consciência Diariamente circulam nas redes sociais notas de segmentos com vários interesses em divulgar “boas notícias” para a cadeia de negócios da indústria naval e a de petróleo. Há uma interminável disputa dentro do sindicato dos metalúrgicos de Niterói e cada um dos vários grupos faz os seus “insides” irresponsáveis. É por essas e outras que as assembleias da categoria não conseguem levar mais do que meia dúzia de gatos pingados em suas reuniões. Os profissionais já tem consciência de que no momento em que as empresas voltarem a contratar eles serão os primeiros a saber.

Alunos protestam contra fim de vagas noturnas Secretaria estadual de Educação explica para onde estudantes de escolas e turnos encerrados irão em 2017 Raquel Morais

RAQUEL MORAIS

Alunos e professores do Colégio Estadual Brigadeiro Castrioto (Cebric), em São Lourenço, fizeram uma manifestação e uma passeata para chamar atenção dos niteroienses para a realidade do ensino público estadual na cidade. O ato contou com cerca de 60 pessoas que contestaram o encerramento do turno da noite na unidade. O grupo percorreu algumas ruas de Niterói até acessarem a Ponte Rio-Niterói e fecharem as duas faixas de rolamento do início da rodovia por 10 minutos. Alunos, professores, representantes do Sindicato Estadual dos Profissionais da Educação do Rio de Janeiro (Sepe) participaram da passeata. A moradora do bairro Boa Vista, Nathália Regina, 21 anos, estuda há três anos no turno da noite pelo projeto Educação de Jovens e Adultos (EJA) no Cebric. “Não quero que isso acabe, pois trabalho de dia e preciso concluir meu estudo à noite. Se me deslocarem para outra escola será longe da minha casa e isso é muito ruim”, comentou a vendedora. “Não temos transparência nesses processos de encerramentos e queremos ter acesso ao que está acontecendo”, explicou Joelma Azevedo, professora do Cebric. Segundo professores, a justificativa para acabar com o turno seria que a turma do EJA

dessa escola seria de apenas 20 pessoas. “Na verdade são 160 alunos. Isso é um absurdo”, comentou uma professora que não se identificou. Pelo menos mais seis unidades tiveram esse quadro de horários reduzidos e duas escolas fecharam definitivamente suas portas. Além do Cebric, a lista de encerramento do ensino noturno compreende as seguintes unidades: Colégio Estadual Baltazar Bernardino, em Santa Rosa; Colégio Conselheiro Josino, na Riodades; Instituto de Educação Professor Ismael Coutinho (Iepic), no Ingá, Colégio Estadual Pinto Lima, no Centro; Escola Estadual Doutor Memória, no Cubango e Colégio Estadual Manuel de Abreu, em Icaraí. E até agora são duas escolas fechadas: Ciep 251 Dona Maria Portugal, no Baldeador e Colégio Estadual Souza Soares, no bairro Calaboca, divisa de Niterói e São Gonçalo. A Secretaria de Estado de Educação (Seeduc) informou que os alunos do EJA do Cebric serão transferidos em 2017 para o Colégio Estadual Raul Vidal, no Centro de Niterói. TRANSFERÊNCIAS DO EJA Em relação ao Colégio Estadual Conselheiro Josino, as turmas da tarde devem passar para o turno da manhã. Quanto ao Iepic, os alunos dos

ESTUDANTES e professores do Cebric querem retorno de vagas do EJA

anos finais do EJA no período noturno serão absorvidos pelo Colégio Estadual Aurelino Leal, que fica a 600 metros de distância. Já o Colégio Estadual Baltazar Bernardino não absorverá nenhum turno. Para o ano letivo de 2017, os alunos que estão sob a responsabilidade da rede estadual e estudam no Ciep 251 serão absorvidos pelo Ciep 447 – Antinéia Silveira Miranda, que pertence à Prefeitura de Niterói. Já os do Colégio Estadual Doutor Souza Soares serão transferidos para o Ciep 307 – Djanira, que tem capacidade para atender cerca de 2 mil alunos. Já sobre o Colégio Estadual Pinto Lima, Doutor Memória Manuel de Abreu a Seeduc não divulgou os novos procedimentos. A Seeduc garante que o número de

Associações condenam anúncio do “pacote de medidas da Prefeitura” Em nota pública, seis associações de Procuradores Autárquicos se manifestaram contra o encaminhamento, à Câmara Municipal, do pacote de medidas anunciado pela Prefeitura e pedem que sejam apresentados os memoriais de impacto que demonstrem a necessidade de medidas, como o aumento da alíquota de contribuição previdenciária e a extinção de direitos sociais como a licença especial e a incorporação. O presidente da Associação Naci-

onal dos Procuradores Autárquicos, Gilson Dias, destacou que as entidades representativas não foram previamente convocadas para opinar, debater e apresentar contrapropostas sobre o conteúdo das medidas e observou que em nenhum momento foi dada publicidade prévia aos projetos de lei que se pretendem encaminhar com “a alegada urgência para votação na Câmara dos Vereadores”. Acompanhado de Marcelo Retto-

ri e Marcos Alvarenga, da Associação dos Procuradores da Saúde, ele revelou que uma nota técnica de repúdio foi assinada pelos presidentes da Associação dos Procuradores do Município de Niterói, Sepe, Associação dos Funcionários Municipais, Associação dos Fiscais do Município e que no dia 5 haverá reunião, às 17 horas, na sede da Associação dos Funcionários Municipais para debater o assunto.

vagas ofertadas para renovação e novas matrículas é superior ao número de vagas ocupadas em 2016. As matrículas e rematrículas já estão em andamento pelo site “Matrícula Fácil" e não faltarão vagas, tendo em vista que o Estado utiliza pouco mais de 40% da capacidade instalada de sua infraestrutura. Ainda de acordo com o informe eventuais absorções de alunos, alterações de turnos e municipalização de unidades para prefeituras executarem o Ensino Fundamental, que é de sua responsabilidade conforme determina a Lei das Diretrizes e Bases da Educação, já vem ocorrendo rotineiramente nos últimos anos. AUDIÊNCIA NA ALERJ Na tarde de ontem, na Alerj, também teve movimentação para discutir o as-

sunto. Participaram da audiência a Comissão de Educação do próprio órgão, secretário de Estado de Educação Wagner Victer e diversos representantes de escolas públicas, como professores e diretores, do Sepe RJ e da União dos Professores Públicos (Uppes). O fechamento de escolas e encerramento de turnos noturnos foram alguns dos pontos debatidos na sala 316 do Palácio Tiradentes. Porém os deputados que estiveram presentes na reunião pediram a suspensão desses encerramentos, representantes do Sepe RJ informaram que Victer foi irredutível na decisão. Inclusive ele teria saído do plenário escoltado e com vaias. “Não tivemos nenhum tipo de compromisso que essa situação vai ser revertida e temos que lutar”, esbravejou Priscilla Marques, 40 anos, professora. Além da suspensão o sindicato pediu também consulta da comunidade escolar antes da tomada de decisões e a garantia da pré matrícula, fatos que não foram levados em consideração antes dos fechamentos. “Tem que chamar todas as escolas para o debate antes de tomar qualquer decisão e tem que levar em conta outras variáveis e não apenas variáveis numéricas”, comentou o deputado Waldeck Carneiro. “Está faltando compromisso social nesse planejamento da Seeduc”, completou parlamentar Eliomar Coelho. Renato Figueiredo

REPRESENTANTES de associações querem ter acesso a memorial de impactos


6

QUINTA-FEIRA, 1º DE DEZEMBRO DE 2016

Prefeitura de SG pode ser multada se não recolher lixo das ruas Cidade tem, segundo Justiça, 48 horas para regularizar serviços de varrição, coleta e destinação de lixo WELLINGTON SERRANO

O Tribunal de Justiça do Estado, através da 4ª Vara Cível de São Gonçalo, acatou na última terça-feira o pedido do Ministério Público que pede que a Prefeitura regularize, em até 48 horas, a partir de hoje, os serviços de varrição, coleta e destinação do lixo na cidade, além de efetuar de forma regular o pagamento dos débitos com as empresas responsáveis pela limpeza pública do município. A liminar também determina que a prefeitura pague uma multa diária de R$ 10 mil caso descumpra a decisão. Na ação, a juíza Larissa Pinheiro Schueler relata que o município de São Gonçalo vem sofrendo com a deficiência na limpeza urbana, o que provocou o acúmulo de lixo nas ruas, gerando grande risco de doenças e proliferação de vetores. Ainda segundo a decisão, o município não dispõe de um sistema de escoamento de águas pluviais satisfatório, o que gera preocupação com a

aproximação da época de fortes chuvas. A juíza afirma também que “lamentavelmente, instalou-se o caos no município de São Gonçalo, onde não se recolhe o lixo das ruas com regularidade e não há tratamento adequado ao que é recolhido”. Procurada, a Prefeitura de São Gonçalo não se pronunciou sobre a decisão. No início da semana havia garantido que está, há quase duas semanas, realizando uma força tarefa e que até domingo regularizará a coleta e limpeza em todo o município. AÇÃO O pedido do MP foi feito na semana passada, quando a promotora Renata Neme Cavalcanti verificou inúmeros pontos de concentração de lixo em vários bairros da cidade e fotografou as áreas, anexando as imagens à ação ajuizada. No pedido feito pelo MP, a promotoria afirma que já havia se reunido com o prefeito Neilton Mulim, para tentar chegar a um acordo amigável de solu-

Divulgação

ATRASO NO pagamento ao aterro sanitário gerou acúmulo de lixo nas vias

ção dos problemas enfrentados, no entanto, nenhuma medida foi adotada. “A Prefeitura culpa a gestão do aterro, mas na verdade a culpa está é na coleta. Por causa disso tenho conta-

Fazenda Colubandê não terá tradicional iluminação natalina Marcello Almo

RAQUEL MORAIS

tos com pessoas que já estão tendo crises alérgicas devido a picadas de insetos”, lamentou a promotora do MP. A decisão foi comemorada pelo vereador Alexandre Gomes (PSB). “O TJ

Lideranças do tráfico roubavam para pagar dívida de R$ 70 mil AUGUSTO AGUIAR

Um dos símbolos de São Gonçalo continua abandonado e com a mudança de gestão no município as próximas ações para a tão conhecida Fazenda Colubandê continuam uma incógnita. O que se sabe por enquanto é que nem a tão esperada iluminação para o Natal será feita devido a queda na arrecadação da Prefeitura de São Gonçalo. A administração municipal informa que continua buscando parceiros que queiram investir no 'programa luzes'. Mansuária de Araújo é uma das ativistas que defendem as melhorias e restaurações da fazenda e lamentou o descaso do poder público após a municipalização do local. “Todo fim de ano eles davam um jeito de fazer a iluminação. No ano passado foi muito em cima da hora e até fizemos uma manifestação para contestar isso. Pelo menos uma vez por ano a fazenda era lembrada através das luzes e esse ano vai ficar mais abandonada ainda”, comentou uma das organizadoras do grupo 'Em Defesa da Fazenda Colubandê'. O abandono do espaço também é outra questão ressaltada por quem passa diariamente no local. Mato alto, parede descascando, lixo espalhado e principalmente a falta de segurança no local são as principais reclamações

APESAR de Prefeitura afirmar que faz manutenção, há mato e degradação

registradas pela reportagem de A TRIBUNA. Também foram flagradas pessoas dentro do espaço, que deveria ser resguardado pela segurança municipal. “Pessoas entram na fazenda para usar drogas ou fazer bagunça. O local está sendo destruído todos os dias. Uma pena”, apontou uma moradora da localidade que preferiu não se identificar. A Prefeitura de São Gonçalo informou que uma equipe de professores e estudantes de Engenharia

está elaborando um projeto para que a Fazenda seja restaurada. Desde que assumiu o local, a Prefeitura garante que faz a limpeza de toda a área. A nota ainda reforça que a princípio, funcionaria no local, a Guarda Municipal e as secretárias de Cultura e a de Esportes e Lazer. Sobre a segurança a administração municipal reforçou que o local está incluído na ronda da Guarda Municipal e a Polícia Militar também patrulha o local.

Bicicletário do Centro tem inauguração adiada Marcello Almo

RAQUEL MORAIS

Problemas técnicos atrasaram a obra da construção do bicicletário da Praça Arariboia, no Centro de Niterói, mas o projeto continua tramitando na Prefeitura de Niterói, que ainda não divulgou a nova data da inauguração. A ação do tempo deteriorou o atual estacionamento das bikes, e algumas ferragens estão enferrujadas, mas esses apoios onde as bicicletas são presas continuam sendo usados por muitos ciclistas. “Eu não gosto de ir para o Rio com a bicicleta e pelo menos duas vezes por semana uso a magrela para chegar até as Barcas. Prendo com corrente e nunca tive problemas com destruições. Apesar da placa que foi colada dizendo que tem muito roubo de bicicleta nunca fiquei sabendo de nada”, comentou um auxiliar administrativo que não quis se identificar. A administração municipal infor-

entendeu que a limpeza tem que ser prioridade. A população não pode sofrer e o prefeito continuar impune. Essa decisão vai doer no bolso, aí quero ver”, criticou o parlamentar.

Para quitar uma dívida estimada em R$ 70 mil, lideranças do tráfico da comunidade do Sabão, no bairro São Lourenço, controlada pela facção criminosa Amigo dos Amigos (ADA), estavam se “mobilizando” para arrecadar “fundos” para amortizar ou equacionar o débito. Para isso orquestravam roubos a transeuntes, de veículos, de cargas e até de celulares. Essas informações estão sendo investigadas pela equipe da 76ª DP (Centro/Niterói) e três dos acusados de envolvimento na tal “mobilização” para pagar a dívida foram presos na noite de terça-feira após a prática de vários roubos. Segundo os investigadores da distrital a dívida seria referente a um suposto “desfalque” ocorrido nos pontos de venda de entorpecentes da comunidade, onde o principal líder seria o criminoso conhecido como Moedinha, que se encontra preso. Na noite de terça-feira, policiais militares do 12º BPM (Niterói) prenderam David Pablo Silva de Souza, de 22 anos, o DVD, apontado como gerente geral do tráfico na Favela do Sabão, Gregory Silva dos Santos, o Zé, de 20 anos, que desempenhava a função de “gerente da cocaína”, e Edson Rodrigues da Conceição, de 19 anos, o JN, apontado pela polícia como segurança de DVD. O trio foi surpreendido na Rua Noronha Torrezão, próximo à comunidade do Serrão, no Cubango, acusado de roubar o aparelho celular de um aposentado, na Rua 22 de Novembro, no Fonseca, também na Zona Norte. Com o trio foi apreendida uma pistola com carregador alongado e equipada com kit rajada. Durante a abordagem, a polícia apurou que os criminosos capturados estavam deixando para trás um rastro de ocorrências, além de roubos a transeuntes, de veículos e até de carga. Segundo os investigadores, a prá-

tica desses crimes teria como objetivo de cobrir o desfalque nos pontos de venda de drogas no Sabão, liderados por Moedinha. Pelo que os investigadores apuraram, na terça-feira os criminosos teriam supostamente roubado um carro e se deslocaram de Niterói para São Gonçalo. No bairro do Gradim roubaram um veículo, modelo Fiat Idea, de cor verde, na Rua Bento Lima. Anteriormente foram reconhecidos como os mesmos infratores que roubaram uma padaria no mesmo bairro. Ao retornarem para Niterói, renderam um aposentado, que teve a identificação preservada, roubando-lhe o aparelho celular, na Rua 22 de Novembro. A equipe de investigação apurou ainda que o mesmo grupo criminoso teria praticado o roubo de uma carga de cerveja que seria entregue em estabelecimentos situados na Favela do Sabão. O roubo teria sido praticado no mês de outubro. Parte da carga foi recuperada posteriormente. “Outro acusado de envolvimento com o tráfico na localidade, de vulgo Ninho (Marcos Vinícius Azevedo da Silva), que era gerente, foi preso pela nossa equipe no dia 23, no bairro de Maria Paula. Ele havia sido expulso da localidade. O DVD havia assumido o seu posto, mas agora acabou preso também. Estamos indiciando os três acusados, por roubo, tráfico, e porte ilegal de arma. Já Ninho foi reconhecido por um policial, que foi vítima de roubo de veículo no bairro Jardim Catarina”, explicou o titular da 76ª DP, delegado Gláucio Paz. Ele confirmou que um grupo criminoso, ligado ao tráfico da Favela do Sabão, estaria por trás de vários crimes de roubos praticados em Niterói e municípios vizinhos, acrescentando que caso vítimas reconheçam os acusados, para procurarem a DP e formalizarem a identificação.

Mortes violentas crescem 21% de janeiro a outubro

BICICLETÁRIO existente sofre com desgaste e ciclistas alertam sobre roubos

mou em nota que a quantidade de vagas para as bikes no novo bicicletário não mudou: 424, sendo 136 horizontais e 288 verticais e estará à disposição dos ciclistas 24 horas por dia. Ainda segundo informe, além de vagas

para as bikes, terá também recepção, bebedouro, área de descanso, área para manutenção básica e bombas de ar, ocupando uma área de total de 478 metros quadrados aproximadamente. O investimento é de R$ 852.598,79.

O número de mortes por causas violentas no estado do Rio de Janeiro cresceu 21% entre os meses de janeiro e outubro deste ano, na comparação com o mesmo período de 2015. Foram registradas 4.188 mortes em 2015 e 5.067 mortos em 2016, um crescimento de 879 óbitos. Na lista, estão casos de homicídio doloso, latrocínio, lesão corporal seguida de morte e enfrentamento policial. Os dados foram divulgados ontem pelo Instituto de Segurança Pública (ISP), do governo do Rio. Nos primeiros dez meses deste ano, houve 4.111 homicídios dolosos (quando há intenção de matar), um aumento de 633 casos em relação ao mesmo período do ano passado (3.478).

O número de latrocínios, de janeiro a outubro, ficou em 192, um aumento de 75 mortes em relação a igual período do ano passado. As mortes de pessoas em confrontos com a polícia subiram de 569, no período de 2015, para 721 este ano. Os dados mostram que as mortes de policiais em serviço somaram 28, de janeiro a outubro de 2016. Os roubos de rua – que envolvem assaltos a pedestres, roubo de celular e em transporte coletivo – tiveram um aumento de 47%. De janeiro a outubro de 2015, foram registrados 70.582 casos, que saltaram para 104.302 neste ano. Isso significa 347 roubos por dia no estado.


7

QUINTA-FEIRA, 1º DE DEZEMBRO DE 2016

CULTURA

cultura@atribunarj.com.br

OST COM ESPETÁCULOS GRATUITOS QUE FALAM DE AMOR A Oficina Social de Teatro, por conta das datas comemorativas de final de ano, decidiu presentear o público com dois espetáculos que falam de um tema tão importante para todos nessa época do ano: o Amor. As apresentações ocuparão a primeira quinzena de dezembro e serão realizadas na Escola-Fábrica, sede da OST, que fica no Centro de Niterói, com entrada franca. Os espetáculos em questão são: Amor em três atos e Crianças não gostam de sabores amargos. O primeiro com direção de Ana Paula Penna, e o segundo sob a direção de José Geraldo Demezio. Através das temáticas dos dois trabalhos, a OST ampliará o sentido natalino, como algo que vai além de apenas mesas fartas e presentes; mas que também possibilitam que todos lancem um olhar sobre o próximo. Em Amor em três atos, o que se busca é refletir sobre o amor nas suas diversas formas; questionar o amor romântico e incondicional. “Falar sobre amor, nos dias de hoje, é uma tarefa bastante desafiadora. Se, antes, o amor estava ligado ao casamento entre um homem e uma mulher e a relação atrelada ao “felizes para sempre”, hoje, quantas formas de amor são possíveis? E por que algumas formas de amor ainda são tão julgadas e, inclusive, proibidas por algumas culturas? Aproveitar esse período do ano para pensar o amor e suas diversas faces é fundamental para entendermos que novas formas de ser e estar no mundo a humanidade tem criado. De que forma nossos preconceitos, nosso ego e nossas condições materiais inibem as possibilidades de amar? Mais do que responder a essas perguntas, a peça convida o espectador a pensar e sentir junto”, explicou a diretora

Divulgação

Anna Paula Penna. Já em Crianças não gostam de sabores amargos, o público é convidado a refletir sobre o comportamento infantil e sobre as influências do mundo dos adultos na vida das crianças. “Voltar o olhar para o universo infantil sempre é essencial, pois é daí que se é possível dis-

cernir e pensar a educação de forma eficiente, no sentido de construir adultos mais bem preparados para a vida. E um dos principais valores que recaem sobre essa etapa da jornada, e que deve ser considerado como principal valor a ser administrado por todos aqueles que venham a ser responsáveis por es-

sas crianças, é o amor. Os sabores amargos devem ser substituídos por sabores adocicados de compreensão e afeto”, afirmou José Geraldo Demezio. Crianças não gostam de sabores amargos será encenada nos dias 8 e 9 de dezembro, quinta e sexta, às 19h30, e Amor em três atos terá

única apresentação no dia 17 de dezembro (sábado), às 10h. Todas as apresentações serão gratuitas. Haverá distribuição de senhas uma hora antes do início dos espetáculos. O espaço tem lotação de 50 lugares. A Escola-Fábrica fica na Rua Saldanha Marinho, 14 no Centro. Mais informações (21) 2721-0468.

EXPOSIÇÃO DE CLÁUDIA BARCELOS NO INGÁ A artista plástica Cláudia Barcellos traz a exposição “Minha Casa para Viagem” para a Sala José Cândido de Carvalho, no Ingá, onde fica em cartaz até o dia 30 de janeiro de 2017. Com curadoria de Desiréé Monjardim, a mostra traz assemblages da artista, que coloca diversos objetos, por ela recolhidos durante sua trajetória de vida, dispostos em caixas de madeiras, organi-

zando o seu mundo, como se fosse a sua casa, na qual ela pode visitar e levar quando e para onde quiser. No trabalho, Cláudia Barcelos renova e dá vida a objetos inúteis ou que já estão fora de uso. Para isso, faz uso de cartazes antigos e velhas imagens; viaja pela gastronomia francesa, com a tão conhecida água mineral Perrier; usa uma Iemanjá em fren-

te a uma boneca pequena, e uma enorme garrafa d´água; cria uma encantadora caixa com os símbolos da gastronomia oriental, ou caminha por versões do que hoje se chama Food Truck, na imagem da velha Kombi do cachorro quente e da Coca Cola. Cria imagens que nos fazem viajar e sonhar, remetendo a quando visitamos museus de curiosidades.

PUBLICIDADE LEGAL

Filha do saudoso Manoel Barcelos, veterano da extinta Rádio Nacional, Cláudia conta que coleciona objetos inusitados há anos e sempre teve uma paixão especial por caixas de madeiras. Assim foi surgindo a obra da artista: preenchendo as caixas, com seus diferentes formatos e tamanhos, com diversos objetos, além de elementos de pintura e colagens.

O resultado pode ser conferido em 13 dessas caixas, sendo três inéditas, produzidas pela artista, em cartaz em Niterói. Visitação de 2ª a 6ª, das 9h às 17h. A Sala José Cândido de Carvalho fica na Rua Presidente Pedreira, 98 no Ingá. Mais informações pelo telefone (21) 2621-5050. A entrada é gratuita e a classificação etária é livre.


8

QUINTA-FEIRA, 1º DE DEZEMBRO DE 2016

COOPTAX Cooperativa de Trabalho dos Motoristas Tele - Taxistas de Niterói Ltda. C.N.P.J. 31.534.142/0001-62 Insc. PMN 064796-6 Tele - Fax: 3716-8510 Edital de Convocação da Assembleia Geral Extraordinária O Presidente da COOPTAX, usando de atribuições que lhe confere o Estatuto Social, convoca seus associados para reunirem-se em Assembleia Geral Extraordinária, na forma do disposto no ART. 45 da Lei nº 5764/71, em 10 de dezembro de 2016, na Câmara de Dirigentes Lojistas de Niterói, situada na Rua General Andrade Neves, 31 Centro - Niterói - RJ, com primeira convocação às 07:00 h com presença de 2/3 do nº de associados, em segunda convocação às 08:00 h, com a presença da metade mais 01 (um) do nº de associados, com a terceira e última convocação às 9:00 h com a presença no mínimo de 10 (dez) associados em dia com suas obrigações sociais, para deliberarem sobre a seguinte ordem do dia: 1. Aprovação de ingresso de novos associados: Sr. Marcelo das Neves Peres, unidade 009 e o Sr. Aureo Gonçalves Neto, unidade 038. 2. Apresentação e avaliação do Sinistro da Unidade 072 - Sra. Ana Paula Faria Martins Lopes, na forma prevista nos Arts 48 e 49, alínea “D” das NORMAS PARA RECUPERAÇÃO DE VEICULO da Cooptax; 3. Explicação referente ao veículo da unidade 094; 4. Avaliação da verba de representação; 5. Avaliação e deliberação sobre o aplicativo “Vá de Táxi” da PORTO SEGURO; 6. Continuação do desconto nos aplicativos e outras formas de fidelizar os clientes; 7. Assuntos operacionais. Para efeito do Quórum, declara-se que o nº de associados nesta data é de 110. Niterói - RJ, 30 de novembro de 2016. PAULO ROBERTO DE ANDRADE JUNIOR Diretor Presidente

EDITALDE INTIMAÇÃO REGISTRO DE IMÓVEIS DA 8ª CIRCUNSCRIÇÃO DA COMARCA DE NITERÓI. GUSTAVO SEBASTIÃO LESSA RAFARE, Oficial do Registro de Imóveis da 8ª Circunscrição da Comarca de Niterói e Tabelião do 8° Oficio de Notas da Comarca de Niterói, Estado do Rio de Janeiro, na forma da lei, que atendendo a requerimento da CONIPAR – CONSTRUÇÕES, INCORPORAÇÕES E PARTICIPAÇÕES LTDA, inscrita no CNPJ-MF sob n° 06.306.531.0001-93, nos termos do parágrafo 4° do artigo 26 da Lei 9.514/97, intima os Senhores LEONARDO FERNANDES GUARANÁ GUIA e LUANA VAZ AFONSO GUARANÁ GUIA, inscritos nos CPF’S sob os n°s 078.531.43770 e 089.876.747-46, que encontra-se em lugar incerto e não sabido, para cumprimento das obrigações do financiamento por Instrumento Particular, garantido por Alienação Fiduciária, em 31 de Outubro de 2012 registrado nesta Serventia na Matricula n.° 30.364, cujo pagamento dos encargos vencidos em 30 de Abril de 2014 à 30 de Agosto de 2016, conforme planilha de pagamento, projetando os valores e datas de modo a evidenciar as atualizações diárias do saldo em atraso, devendo os referidos valores serem acrescidos das despesas e remuneração do Cartório, sendo o prazo de 15 (quinze) dias para o comparecimento da intimada ao Cartório para a purga de mora, informando que o não comparecimento da mesma nesta Serventia, acarretará na consolidação da propriedade em nome da Credora Fiduciária CONIPAR – CONSTRUÇÕES, INCORPORAÇÕES E PARTICIPAÇÕES LTDA. Dado e passado nesta cidade e Comarca de Niterói, Estado do Rio de Janeiro, aos 07 de Novembro de 2016. Eu, LUIZ CLÁUDIO MOREIRA DA SILVA, (Tabelião Substituo-Mat.94/2953) digitei e subscrevi.

VENDO PALIO EDX 98, CINZA, AR, VIDRO E TRAVA ELÉTRICA, KIT GNV, VISTORIADO 2016. R$ 7.000,00  (21) 96445-2882

PUBLICIDADE LEGAL É AQUI.

TELEFONE: 2719-1886


9

QUINTA-FEIRA, 1º DE DEZEMBRO DE 2016

ESPORTES

esportes@atribunarj.com.br

Flamengo terá cautela nas contratações de 2017 Treinador diz que base rubro-negra é sólida e clube tenta manter maioria dos jogadores Divulgação

Com a chegada do fim do ano o mercado começa a se agitar e os clubes lutam pela contratação de reforços. Porém, no Flamengo, essa busca será feita com cautela, apenas visando a chegada de peças pontuais. Isso porque a ordem é manter a base que brigou pela conquista do título do Campeonato Brasileiro. Na visão dos flamenguistas, esse é o primeiro passo para o time brigar por títulos importantes em 2017, como a Copa Libertadores. “O Flamengo tem uma base muito forte, jogadores de qualidade e que nos permitiram brigar pelo título e ficarmos com um gostinho de que poderíamos ter chegado um pouco mais longe, sem querer desmerecer ninguém. Portanto, essa manutenção da base, com a chegada de alguns reforços, vai ser muito importante para que a gente possa colher bons frutos em dois mil e dezessete”, disse o técnico Zé Ricardo. Um dos principais destaque da equipe rubro-negra neste Brasileirão, o meia Diego também ressaltou o nível técnico do grupo. O meia foi um dos pilares do time de Zé Ricardo, que

nesta reta final rivalizou com o Palmeiras pela ponta da tabela, no entanto, sofreu com as oscilações em partidas decisivas. “Encontrei um grupo muito qualificado, em condições de brigar por qualquer título que disputar. Infelizmente cometemos alguns erros que geraram tropeços e fizeram a diferença agora nesta reta final. Mas o Flamengo tem condições, com o atual grupo e os reforços tidos como pontuais, fazer uma grande temporada em 2017. Vamos seguir lutando pela conquista de títulos e com o apoio do nosso torcedor estou esperando um ano ainda melhor”, disse Diego. Na manhã de ontem os jogadores voltaram aos treinos para uma atividade tática, onde Zé Ricardo dividiu o elenco em quatro grupos, que se enfrentaram. Com uma luxação no ombro esquerdo, o zagueiro Rafael Vaz foi visto com uma tipoia no local e dificilmente terá condições de enfrentar o Atlético-PR pela última rodada do Campeonato Brasileiro, em duelo programado para o dia 11 de dezembro, às 17h (de Brasília), na Arena da Bai-

PLANTEL chegou a disputar o título do Campeonato Brasileiro deste ano e maior parte do elenco será mantida

xada. Assim, Juan deve compor a zaga com Réver. Um desfalque certo é Diego, que vai cumprir suspensão por ter

Novo presidente começa mudanças no Fluminense Divulgação

JORGE Macedo (E) era diretor de futebol e teve várias contratações contestadas

O Fluminense anunciou na manhã de ontem o desligamento de Jorge Macedo da função de diretor de futebol do clube. Essa foi a primeira medida para que seja feito o processo de transição da equipe comandada pelo presidente Peter Siemens e o futuro mandatário, Pedro Abad, que foi eleito no pleito sábado passado, derrotando Mário Bittencourt e Celso Barros. Apesar de ser o candidato da situação, Pedro Abad tem algumas ideias próprias para o departamento de futebol. Jorge Macedo vinha sendo muito questionado por conta de algumas contratações que não vingaram, como as dos meias Claudio Aquino,

que é argentino, Maranhão e Dudu, além dos atacantes Henrique Dourado e Danilinho. O dirigente ainda foi responsável por reforços que contaram com o aval da presidência, mas que fracassaram. Caso do retorno do experiente meia Marquinho. O nome do futuro diretor de futebol será anunciado nas próximas semanas, assim como a do futuro treinador. Roger Machado, dispensado recentemente do Grêmio, é o mais cotado. A partir dessas definições que o clube vai começar a procurar por reforços para 2017, lembrando que dois jogadores já estão com contrato assinado e valendo a partir de 1º de janei-

ro. São eles o volante Jefferson Orejuela e o meia Junior Sonorza, ambos que se destacaram pelo Independiente del Valle, do Equador, vice-campeão da última Copa Libertadores. Na nota oficial sobre a saída de Jorge Macedo o Fluminense, em seu site oficial, informou nesta quarta-feira: “O Fluminense Football Club comunica o desligamento do diretor executivo Jorge Macedo, agradece pelos serviços prestados nestes oito meses à frente do Futebol tricolor, fazendo parte da conquista da Copa da Primeira Liga, e deseja sorte ao profissional em seus próximos desafios”. Dentro de campo, o elenco voltou aos treinos na manhã de ontem, mas os atletas trabalharam na academia. Ainda existe um sentimento de tristeza pelo acidente aéreo que vitimou a delegação da Chapecoense. O meia Maranhão, que atuou no clube catarinense até poucos meses e conhecia a maioria dos atletas mortos, pediu para não falar com a imprensa por ainda estar muito abalado. O Fluminense, que apenas cumpre tabela no Campeonato Brasileiro, vai se despedir da competição no dia 11 de dezembro, quando recebe o Internacional, às 17h, no Estádio Giulitte Coutinho, em Mesquita (RJ). Para este jogo o técnico Marcão não poderá contar com o volante Pierre e nem com o meia Cícero, que cumprem suspensão por terem sido advertidos com o terceiro cartão amarelo na derrota de 1 a 0 para o Figueirense.

sido advertido com o terceiro cartão amarelo na vitória de 2 a 0 sobre o Santos. O substituto será definido nos

próximos dias. Nesta quinta-feira o elenco volta a trabalhar na parte da manhã.

Contratação de Montillo depende de classificação para Libertadores A diretoria do Botafogo vem trabalhando para anunciar a contratação do meia argentino Walter Montillo, de 32 anos, que está defendendo o Shandong Luneng, da China. O jogador, que no Brasil já defendeu Cruzeiro e Santos, fica sem contrato em janeiro, o que não geraria custos em termos de aquisição de direitos federativos. Porém, o Alvinegro pretende aguardar a sua vaga na Copa Libertadores ser concretizada. Na visão do departamento de futebol do Botafogo, o investimento em Montillo só seria válido caso o time dispute o torneio continental, já que o argentino tem experiência na competição e fala espanhol, algo considerado importante neste tipo de torneio. Apesar disso, as bases salariais já foram acertadas, principalmente porque o atleta deseja voltar ao Brasil. Até o momento o Botafogo acertou com dois reforços para a próxima temporada. São eles o goleiro paraguaio Gatito Fernández, que se destacou pelo Figueirense no Campeonato Brasileiro, e o atacante Roger, que estava na Ponte Preta. PIMPÃO EMOCIONADO Escolhido para conceder entrevista coletiva após o treino desta quarta-feira o atacante Rodrigo Pimpão se emocionou ao falar do acidente aéreo que envolveu a delegação da Chapecoense a caminho da Colômbia, onde enfrentaria o Atléti-

Divulgação

MEIA argentino está sem contrato até fim do ano

co Nacional pela decisão da Copa Sul-Americana. O jogador era amigo de uma das vítimas, o meia Arthur Maia, que defendeu o Flamengo. “O Arthur Maia era um companheiro, perdi um amigo. Minha esposa saiu ontem com a camisa dele. Fiquei imaginando como seria se fosse comigo. É um momento de reflexão. Estamos todos muito abalados. O Camilo conhecia os trinta envolvidos no acidente. É muito triste”, disse o atacante. No treino os jogadores participaram de uma atividade tática e seguem se preparando para o duelo contra o Grêmio no dia 11 de dezembro, na Arena Grêmio, pela última rodada do Campeonato Brasileiro. O Glorioso precisa vencer para confirmar a vaga na Copa Libertadores. Para este jogo o time não contará com o volante Dudu Cearense e nem com o atacante Neilton, suspensos por acúmulo de cartões amarelos. Já o lateral-direito Alemão, se recuperando de entorse no tornozelo direito, pode ser a novidade. Nesta quinta-feira o time volta a treinar na parte da manhã.

Ricardo Gomes pode ser novo diretor de futebol do Vasco Divulgação

A diretoria do Vasco deu o primeiro passo em relação ao trabalho para a próxima temporada ao anunciar Cristóvão Borges como o novo treinador da equipe. Agora, a prioridade pelos lados de São Januário é definir uma outra peça importante, que é a escolha de um novo diretor de futebol, função considerada chave para a diretoria começar a se movimentar na busca por reforços. O nome preferido continua sendo o de Ricardo Gomes, porém, a indefinição do mesmo, que ainda não decidiu se vai encerrar a carreira de técni-

co, já fez o Vasco trabalhar com outras alternativas. Caso o ex-zagueiro decline do convite, Felipe Ximenes é o mais cotado. Ele desempenhou a função no Flamengo e no Fluminense, mas seu período de maior sucesso foi quando conseguiu conduzir o Coritiba a dois vice-campeonatos da Copa do Brasil. Outra opção que é tratada como viável é Anderson Barros, que já desempenhou a função no Flamengo, no Botafogo e no Figueirense. Esse, inclusive, é um nome que agrada em especial ao presidente

Eurico Miranda. Além de um diretor de futebol, o Vasco também busca um gerente que possa facilitar o relacionamento entre o elenco e a diretoria. Quem vem sendo sondado para o posto é o exzagueiro Alexandre Torres, que inclusive já defendeu o Cruzmaltino. Filho de Carlos Alberto Torres, capitão do tri na Copa de 70, que morreu há algumas semanas, Alexandre Torres tem forte ligação com Eurico Miranda e agrada aos demais membros da diretoria. O nome do profissional chegou até mesmo a ser ventilado para

exercer a função de diretor de futebol, mas ele ainda é considerado cru para essa função, que exige poder de negociação. O elenco do Vasco entrou de férias oficialmente nesta quarta-feira e os jogadores se reapresentam no dia 2 de janeiro, quando começa a preparação para a disputa do Campeonato Carioca. A pré-temporada vai ser realizada na cidade de Pinheiral (RJ), onde o elenco, inclusive, treinou antes do jogo contra o Ceará, que marcou o acesso para a elite do futebol nacional no sábado passado.

GOMES não sabe se deixará os campos


10

QUINTA-FEIRA, 1º DE DEZEMBRO DE 2016

ESPORTES

esportes@atribunarj.com.br

“Falha total”, diz piloto desesperado Diretor da Lamia diz que plano de voo previa parada para abastecimento da aeronave em Bogotá A Blu Radio, da Colômbia, divulgou ontem um áudio de 10 minutos no qual mostra que o piloto Miguel Quiroga pede insistentemente à torre de comando do aeroporto José Maria Córdova, em Medellín, para pousar. Em um trecho do áudio, Quiroga afirma que a aeronave está em ‘falha total’, elétrica e de combustível. No entanto, os controladores do aeroporto tiveram que manter o avião da Chapecoense no ar porque naquele momento estavam atendendo uma emergência de outra aeronave – um Airbus da Viva Colombia. Para isso teriam que aguardar mais sete minutos. Aos nove minutos do áudio, Quiroga parece desesperado: – Senhorita, Lamia 933 está em falha total, falha elétrica total, em combustível – grita o piloto. – Pista livre e com chuva sobre a superfície, Lamia 933. Bombeiros acionados – responde a controladora. Na sequência, o piloto pede à torre as coordenadas para pousar, no que é atendido. Então, a controladora pergunta a altitude do avião: – Nove mil pés, senhorita. Direção, direção... – são as últimas palavras de Quiroga. Ontem, o CEO da Lamia admitiu

que o avião deveria ter reabastecido em Bogotá. “O piloto é quem tomou a decisão de não pousar porque pensou que tinha combustível suficiente” , disse Vargas, acrescentando. “Temos que investigar o motivo do piloto ter decidido ir direto a Medellín”, concluiu. Segundo reportou à Fox Sports o presidente da Associação de Pilotos e Proprietários de Aeronaves, George Willian, a falta de fogo ou uma explosão demonstra que o avião estava sem combustível. “De qualquer forma, é um milagre uma queda de voo noturno na floresta ter sobreviventes”, afirmou Willian. “Esse avião tem autonomia para voar 1.600 milhas, a distância entre as cidades era de 1.540 milhas. Só que precisamos entender que essa aeronave também tem um modelo mais moderno, com autonomia para 1800 milhas”, acrescentou o especialista. Willian, contudo, ressaltou que é preciso esperar mais informações. “Por enquanto, tudo o que se fala é especulação, não temos dados oficiais, mas isso será resolvido com as análises das caixas pretas”, afirmou. O modelo em questão, fabricado pela British Aerospace, é o Avro RJ.85,

Divulgação

ÁUDIO de piloto deixa claro que a aeronave não tinha combustível no momento que chegava no aeroporto de Medellín

também conhecido por BAe-146-200, e foi produzido até 2003. A aeronave usada pela Lamia, empresa boliviana de aviação, teve seu primeiro voo em

março de 1999. “Um avião precisa ter o seguinte plano de combustível: o trecho que irá voar, mais a previsão de rota alter-

Indenização dos familiares pode ser uma “saga”, diz advogado As famílias das vítimas do acidente aéreo envolvendo a equipe da Chapecoense devem enfrentar dificuldades para ter acesso às indenizações. De acordo com Pedro Fida, especialista em direito desportivo, a transnacionalidade da tragédia obrigará os parentes a viver uma “saga” até a definição da jurisdição em que serão movidos os processos. O advogado atenta que o acidente envolve um aeronave Avro RJ-85, de fabricação britânica, e que era pertencente à Lamia, uma empresa de capital venezuelano e com sede na Bolívia. O avião transportava 77 pessoas e caiu na Colômbia, provocando 71 mortes – a maioria brasileiros. “É um incidente transnacio-

nal, isso não é tão simples. Quem vai pagar a conta no final são as resseguradoras, que assumem a conta da seguradora principal. Mas, como é uma empresa aérea pequena e boliviana, talvez a apólice não seja tão robusta. Há dúvidas também com relação à saúde financeira da seguradora e da própria empresa na hora de pagar”, disse Fida. “Em um primeiro momento, a empresa é responsável por pagar, mas há outros responsáveis. Aí começa uma saga. É comum no direito falar em fórum-shopping. Há um livre-comércio para se escolher em qual jurisdição o processo ocorrerá. Se o problema foi no freio do avião, e o freio foi produzido nos Estados Unidos, então há um elemento de causalida-

de naquele país. É preciso ver se será na Bolívia ou na Inglaterra”, explicou. Fida recomendou que as famílias das vítimas procurem uma assistência jurídica especializada para buscar o direito às indenizações. “É difícil que a Chapecoense se envolva neste assunto. E eu não recomendaria. Os familiares devem buscar uma assessoria independente. Existem, por exemplo, especialistas nesse tipo de causa e que percorrem o mundo atrás de acidentes de avião”, afirmou. SEGUROS DE VIDA O artigo 45 da Lei Pelé obriga todos os times brasileiros a contratarem para os seus jogadores seguros de vida contra acidentes pessoais. Fida diz que

à Chapecoense caberá mediar a relação entre os familiares das vítimas e a seguradora. Segundo o advogado, existem apólices que são contratadas individualmente por atletas de alta performance, “mais completas e complexas”, que pagam quantias elevadas aos dependentes em caso de acidentes fatais. A prática, no entanto, é rara entre clubes como a Chapecoense. “Elas não são tão comuns em clubes menores, porque esse tipo de seguro é contratado por atletas de maior poder aquisitivo. Hoje, metade da Seleção Brasileira tem alguma apólice nesses moldes. No exterior, em países como os Estados Unidos e a Inglaterra, esse tipo de seguro é muito mais comum, popular e acessível”, explicou o advogado.

“Tudo apagou e não lembro de mais nada”, diz Ximena Sobrevivente à queda do avião que levava a equipe da Chapecoense até Medellin para a final da Copa Sul-Americana, a aeromoça Ximena Suárez deu sua primeira declaração após a tragédia. “As luzes se apagaram e não lembro de mais nada depois disso”, disse Suárez à secretária de governo de Antioquia, Victoria Eugenia Ramírez, logo após ser resgatada. Ximena sofreu diversas fraturas e batidas na cabeça no acidente. “Sobrevivi porque segui os protocolos de segurança. Na

situação, muitos se levantaram de seus assentos e começaram a gritar. Coloquei a mala entre as pernas para formar a posição recomendada em acidentes”, afirmou o técnico de voo boliviano Erwin Tumiriri, segundo o jornal La Vanguardia. Além dos dois integrantes da tripulação, três jogadores da Chapecoense – Alan Ruschel, Jackson Follman e Neto – e o jornalista Rafael Henzel também sobreviveram a queda. O goleiro Danilo chegou a ser resgatado com vida, mas faleceu no hospital devido aos ferimentos.

BIOMETRIA AJUDA NA IDENTIFICAÇÃO DOS CORPOS O Itamaraty informou que 20 corpos das vítimas do acidente aéreo com a equipe da Chapecoense já haviam sido identificados até o início da tarde de ontem. Uma equipe da Polícia Federal, acompanhada de integrantes do Itamaraty e dos Ministérios da Saúde e do Esporte, está em Medellín desde a madrugada para auxiliar no processo de identificação dos corpos das vítimas. A confirmação da identidade das vítimas foi feita a partir

dos dados biométricos levados pela Polícia Federal. O Itamaraty, entretanto, não divulgou a lista dos nomes já identificados. Os primeiros corpos poderão ser trazidos para o Brasil antes do término do trabalho de reconhecimento de todos os passageiros. O transporte só deve ocorrer a partir de hoje depois do embalsamento e da emissão das certidões de óbito. A expectativa da equipe é que todos cheguem ao Brasil até o fim da semana. Sobre os brasileiros que estão hospitalizados, o Itamaraty.

nativa, mais uma sobra para 45 minutos de voo. Ele não tinha todo esse combustível, mas vamos esperar as caixas pretas”, completou Willian.

Sobreviventes apresentam melhora Resgatados dos escombros do avião que transportava a delegação da Chapecoense à Colômbia, o zagueiro Neto e o jornalista Rafael Henzel, de Santa Catarina, apresentaram melhora nas últimas 12 horas, segundo o médico Juan Antonio Rodríguez, que vem acompanhando os brasileiros no hospital colombiano San Juan de Dios. “Houve tendência de recuperação importante nas últimas 12 horas. A circulação vem respondendo bem. Vamos esperar mais 48 horas para a verificar a recuperação”, disse Rodríguez à Rede Globo. Neto foi o último passageiro retirado com vida dos destroços. Apesar de permanecer entubado, o médico prevê que o zagueiro deverá passar por mais uma intervenção

cirúrgica. Os outros dois jogadores sobreviventes – Alan Ruschel e Jackson Follmann – seguem hospitalizados. De acordo com Luciano Buligon, prefeito de Chapecó que está na Colômbia, o lateral esquerdo tem o estado menos crítico até agora. “O Alan é o que está em melhores condições. Todos estão na UTI. O caso mais grave é do Follmann. O ponto alto é a equipe médica, muito dedicada, comprometida. A cada minuto aumenta a nossa esperança de que eles voltarão a ter uma vida normal. Trouxemos três médicos de Chapecó para que eles possam passar notícias em português e fazer laudos em português para que todos tenham a melhor informação do caso”, disse ao Fox Sports.


A tribuna, 1º de dezembro de 2016