a product message image
{' '} {' '}
Limited time offer
SAVE % on your upgrade

Page 79

78/79 do movimento Steampunk, José Victor de Sousa Carvalho, (nome artístico Zévi) trabalha a mais variada panóplia de objectos usados, muitos deles recuperados no lixo, dando-lhes uma ecológica “segunda vida”, onde a função inicial poderá ter-se perdido, mas onde a forma se mantém, agora aliada a outras, numa síntese que dá lugar a novos objectos. Zévi nasceu em Lisboa, em 1961. O Tempo sempre o fascinou e muitas das suas instalações fazem uma leitura pessoal e intimista, brutal e crítica, do ritmo de vida moderno. Onde o relógio toma o centro do palco. “Desde há muito que a relação do Homem com a Natureza está longe do equilíbrio e da coerência”, diz-nos. “O processo criativo, natural do ser humano, tem vindo cada vez mais a penalizar muito do que nos rodeia, num desgaste imparável, de consumismo desenfreado e desafinado, cujos resultados estão à vista de quem quiser olhar e observar”.

COM UMA INFLUENCIA FORTE

ZÉVI O ESCULTOR DO TEMPO RECICLADO

REPORTAGEM MARÇO 2020

Profile for Anuário Relógios & Canetas

Anuário Relógios & Canetas – Março 2020  

Edição mensal digital (Março de 2020) do Anuário Relógios & Canetas

Anuário Relógios & Canetas – Março 2020  

Edição mensal digital (Março de 2020) do Anuário Relógios & Canetas