Page 1

Violência Escolar

2017/2018

Estudo realizado pelos alunos da turma B do sétimo ano de escolaridade, integrado na área curricular não disciplinar de Formação Cívica.

Com orientação do professor António Fernandes

Escola Secundária de Barcelinhos


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

I- Historial, contextualização geográfica e social O estudo que agora se apresenta teve, como principal objetivo, pesquisar a ocorrência de violência escolar em alunos da Escola Secundária de Barcelinhos, no Concelho de Barcelos, Distrito de Braga. Esta é uma escola secundária com terceiro ciclo, sediada na Rua de Areal de Baixo, no Lugar de S. Brás, em Barcelinhos – Barcelos. Está próxima do centro da cidade e pertence à cidade, uma vez que Barcelinhos é uma das três freguesias que constituem a cidade de Barcelos. A sua construção foi concluída em 1986 e entrou em funcionamento no ano letivo de 1986/87. Foi criada pela Portaria Nº 790/86, a qual previa a sua entrada em funcionamento em 1 de outubro desse ano (1986). Serve essencialmente a população da margem esquerda do Rio Cávado. É uma Escola Secundária, com vinte e oito salas de aulas: vinte e quatro salas pertencentes ao edifício construído de raiz e quatro salas pertencentes a dois pavilhões pré-fabricados de construção mais recente. Neste número estão incluídas duas salas de informática, equipadas com computadores ligados em rede, com acesso à Internet. Existe ainda uma sala de estudo com alguns recursos didáticos e com computadores em rede ligados à Internet. A nível das Ciências, dispõe de laboratórios de Física, Química e Biologia, mas pouco adequados às atividades laboratoriais e a necessitarem de obras de adaptação e de melhoramento. Existe ainda uma biblioteca, com centro de recursos, onde os alunos dispõem de um amplo espaço de consulta e de meios audiovisuais e de alguns computadores em rede ligados à Internet. A nível cultural e recreativo, dispõe de um salão de festas e de atividades, equipado com palco e projetor de vídeo, onde podem ser representadas ou desenvolvidas as mais diversas atividades culturais, exibidos filmes em formato digital, etc. A nível desportivo, dispõe de um pavilhão de desportos que, além das aulas de Educação Física e de Desporto Escolar, está aberto à comunidade, sobretudo ao serviço de grupos e associações desportivos que funcionam essencialmente à noite e ao fim de semana. Dispõe de serviço de cantina, bar, papelaria, reprografia, etc. É frequentada por alunos do sétimo ao décimo segundo anos de escolaridade, correspondentes ao Terceiro Ciclo do Ensino Básico e ao Ensino Secundário. No Ensino Secundário são ministrados cursos que dão cobertura às principais áreas de formação; tem ainda cursos profissionais que procuram dar resposta às necessidades do meio socioeconómico onde a escola se insere e satisfazer a procura dos alunos, de acordo com as suas opções e preferências. O ensino na Escola Secundária de Barcelinhos visa proporcionar uma formação e aprendizagens diversificadas e compreende: a) Ensino Básico, terceiro ciclo: sétimo, oitavo e nono anos de escolaridade b) Ensino Secundário que compreende as seguintes áreas: b1) Cursos Científico-Humanísticos vocacionados para o prosseguimento de estudos de nível superior;

Violência Escolar

Página 1


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

b2) Cursos Profissionais e Cursos de Educação e Formação (CEF) orientados para a qualificação profissional dos alunos, privilegiando a sua inserção no mundo do trabalho e permitindo o prosseguimento de estudos. II- Conceituação de "violência escolar": revisão teórica Desde há muitos anos que o fenómeno da violência escolar é uma realidade conhecida. Apesar deste conhecimento, os estudos relativos ao tema podem considerar-se ainda poucos, carecendo de muitas outras investigações. É difícil definir e delimitar as fronteiras da Violência Escolar; esta dificuldade advém do facto de o significado da violência não ser consensual (Charlot – 2007); o que usualmente se entende por violência depende de vários aspetos: culturais, históricos e individuais. Atendendo a esta dificuldade, há muitos termos utilizados para definir ou tentar definir essa realidade: a violência escolar. A definição de violência pode ser diferente atendendo à idade, ao género e ao estatuto social de quem se está a definir, por exemplo, o professor, o diretor ou o aluno. Debarbieux (2002) argumenta que uma única definição de violência escolar seria um erro no campo científico e, assim, ele expressa-se dizendo que "(...) não deveríamos estar a realizar pesquisas sobre a violência como um todo indivisível, mas, ao contrário, multiplicar pontos de vista (indicadores) que nos ajudem a encontrar o que é real num conceito que é ineficaz devido à sua generalidade.". Esta ideia de Debarbieux (2002) sobre a impossibilidade de uma única definição é coerente; apesar disso o próprio autor regista a necessidade de se encontrar o que é real no conceito, quais os limites do mesmo e qual a definição que pode estar na base de uma prática. O principal é encontrar um conceito eficaz. Conforme refere Ristum e Bastos (2004), à violência é atribuído, na literatura, um conceito muitas vezes "(...) sem a especificação de critérios, ou com critérios confusos, de forma a dificultar o seu uso por parte de outros investigadores. Consequentemente são muitas as dificuldades encontradas na complementação ou na comparação entre os dados de diferentes pesquisas". Sposito (2001) salienta que a violência escolar comporta aspetos epidémicos de processos de natureza ampla, ainda insuficientemente conhecidos. Assim, uma primeira dificuldade quando se trata da conceituação da violência é a sua grande diversidade, facto que exige uma adequada e precisa delimitação empírica, pois a ambiguidade do conceito comporta uma variedade de comportamentos, tais como indisciplina, assédio moral, entre outros. Assim, os diversos usos de significação da palavra violência levam a alterações expressivas no conjunto das ações escolares. Estudiosos já chamaram a atenção para a complexidade do conceito. Ristum (2004) observa que nos textos acerca do tema, se encontra um amplo espectro de definições, das mais abrangentes às mais particularizadas, denotando a polissemia do conceito e a controvérsia na delimitação do próprio objeto. Nesse sentido, a ampla definição de conceitos dificulta a definição consensual. Waiselfisz & Maciel (2003) apontam duas questões que dificultam a conceituação da violência. A primeira refere-se ao fato de que os significados do termo violência são socialmente construídos, modificando-se de acordo com o Violência Escolar

Página 2


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

momento histórico ou o contexto social. A segunda está relacionada com o facto de que a palavra violência pode referir-se a situações bastante diversificadas, tais como a doméstica, juvenil, bélica, contra a criança, simbólica, que se associam a modos de manifestação e de entendimento diferentes. Apesar das dificuldades de conceituação, a revisão da literatura evidencia algumas perspetivas teóricas que, embora não sejam únicas, têm fundamentado as análises e investigações no campo empírico da violência escolar. Para Ferreira (1986), o conceito de violência significa qualidade de violento; ato violento, ato de violentar; constrangimento físico ou moral, uso de força, coação. Michaud (1989), por sua vez, enfatiza o caráter cultural que permeia a conceituação da violência: há violência quando, numa situação de interação, um ou vários atores agem de maneira direta ou indireta, maciça ou esparsa, causando danos a uma ou várias pessoas em graus variáveis, seja na sua integridade física, seja na sua integridade moral, nas suas posses ou nas suas participações simbólicas ou culturais. Nessa mesma linha é que se encaminha a leitura de Chauí (2000) ao afirmar que, a “violência é entendida como uso da força física e do constrangimento psíquico para obrigar alguém a agir de modo contrário à sua natureza e ao seu ser. A violência é violação da integridade física e psíquica, da dignidade humana de alguém”. A autora acrescenta que a “violência se opõe à ética porque trata seres racionais e sensíveis, dotados de linguagem e de liberdade, como se fossem coisas, isto é, irracionais, insensíveis, mudos, inertes ou passivos”. Minayo & Assis (1994), no estudo da violência escolar no Brasil, confluem para o caráter estrutural e cultural da violência, associada à desigualdade socioeconómica, ao desemprego e à exclusão social. Estes fatores potenciam a violência na sociedade, as precárias condições de residência, o desemprego, a falta de perspetiva de um futuro melhor são expressões das desigualdades sociais. Guimarães (1992) assinala que a violência urbana invade a escola e deturpa o ritmo de seu funcionamento. Piva & Sayad (2000), por sua vez, investigando a violência urbana em processos de infratores de 12 a 18 anos, identificam que os fatores que levam ao comportamento violento advêm da desagregação familiar e exclusão social. Santos (2001) complementa que a escola é o ponto de explosão económico, social e político. Camacho (2001) assevera que as instituições escolares vivem um padrão de sociabilidade entre os pares, marcado por práticas violentas que são geradas por desigualdades sociais e culturais. Seguindo as categorizações dos aportes teóricos, pode-se concluir que a violência escolar coloca em evidência o sistema social e a sua reprodução. A escola, como instituição que faz parte da sociedade, sofre os reflexos e reproduz a violência estrutural e institucional no seu quotidiano, na medida em que perpetua padrões alienantes e excludentes. Entretanto, a violência escolar também tem a sua origem na relação direta com o estabelecimento de ensino, no processo educativo e na ação pedagógica sendo, portanto, uma violência específica do campo educacional. Vale a pena lembrar que as escolas oscilam entre vários tipos de violências: física, simbólica e institucional.

Violência Escolar

Página 3


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Em Abramovay & Rua (2002) é referido que a compreensão do fenómeno requer atenção tanto dos aspetos externos às instituições de ensino (variáveis exógenas) como as questões de género, relações sociais, situações familiares, aspetos da experiência do bairro e aspetos internos (variáveis endógenas) como idade, nível de escolaridade, regras, disciplina, autoridade e sistema de punição. Sposito (2001) afirma que a escola é palco para a análise de perspetivas diferentes quanto à conceituação da violência escolar. A primeira perspetiva decorre das causas internas, ocorrência das práticas escolares inadequadas na e pela escola, em função de formas de atuação que estariam a propiciar o seu aparecimento e manutenção. Já a segunda reflete a violência da sociedade atual, a representação da violência social dentro dos muros da escola. Em relação à problemática do conceito, não há consenso entre os pesquisadores quanto às causas que produzem a violência escolar, muito menos quanto ao fenómeno em si. Diante disso, devemos questionar em que medida o conceito de violência escolar ultrapassa o caráter descritivo da realidade e abre espaço para críticas e autocríticas no campo educacional. III- Conceito e características dos comportamentos violentos Nos Estados Unidos a expressão utilizada é Delinquência juvenil (Haiden e Blaya, 2001). Em Inglaterra, diz-se violência escolar sempre que surge conflito entre estudantes e professores, ou sempre que surgem atividades que conduzem à suspensão, atos disciplinares e prisão (Cursio & First, 1993; Steinberg, 1991; Flannery, 1997). Em França foram identificados três tipos de violência escolar; Debardieux (2002), após realização de pesquisa referiu: violência penal que se relaciona com crimes e delitos (extorsão, roubos, agressões, racismo e insulto), incivilidades e sentimento de insegurança. Considera-se que a violência escolar pode acontecer em três níveis diferentes: violência física (golpes, ferimentos, violência sexual, roubos, crimes, vandalismo), incivilidades (humilhações, palavrões, palavras grosseiras, falta de respeito), violência simbólica ou institucional (falta de sentido em permanecer na escola por tantos anos; frequentar a escola com falta de prazer que passa pela obrigatoriedade de o jovem aprender conteúdos alheios aos seus interesses; violência na relação de poder (Abramovay, 2002; Charlot, 1997). Por sua vez, Zaluar (1992) falava de dois tipos de violência escolar, a violência física e a violência simbólica. Esta violência simbólica era já referida por Bordieu e Passeron (1970). Autores há que se referem à violência simbólica em ambiente escolar como surgindo de forma camuflada e dissimulada pelos agentes pedagógicos, na medida em que a cultura daqueles que dominam é preferencialmente transmitida em detrimento da cultura dos que são dominados. Bordieu (2002) refere violência simbólica como estando inserida na escola para desvendar os mecanismos apoiados na autoridade “legitimada” e “naturalizada” da cultura escolar; esses mecanismos são vistos como métodos, programas e ações pedagógicas que não consideram os alunos. Nesta mesma linha, a escola, ao apresentar práticas disciplinares controladoras e um sistema de ensino que exclui, produz práticas de violência Violência Escolar

Página 4


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

contra os seus alunos (Adorno, 1991; Guimarães, 1998). A escola transforma-se, desta forma, no meio para se aprender a violência recorrendo a práticas que não refletem o meio próximo e conhecido dos alunos; a escola humilha os alunos por não saberem e por terem origens humildes, exclui o diálogo e o entendimento das relações sociais. Atendendo a esta realidade, Candau (1999) refere que não se pode perder de vista a ligação entre a violência na escola e a que se vive na sociedade em geral (desemprego, miséria, concentração de poder, corrupção, autoritarismo, desigualdade); acrescenta que o problema da violência só pode ser entendido pela aceitação da sua complexidade e multiplicidade; finaliza afirmando que a violência não nasce só fora da escola e que também há um fluxo gerado no interior da dinâmica escolar. IV- Bullying a- Conceito de Bullying O Bullying é um problema mundial que pode ser encontrado em toda e qualquer escola em particular e na sociedade em geral, não estando ligado a nenhum tipo específico de instituição: primária ou secundária, rural ou urbana. Pode afirmar-se que as escolas que não admitem a ocorrência de Bullying entre os seus alunos, desconhecem o problema ou se negam a enfrentá-lo estão a negar a realidade. É um drama real que acontece em qualquer momento da vida, desde a primária, passa pela universidade e pode encontrar-se nos locais de trabalho. O Bullying pode ocorrer em várias situações, envolvendo a escola ou a faculdade/universidade, o local de trabalho, os vizinhos, entre outros. Qualquer que seja a situação, a estrutura de poder é tipicamente evidente entre o agressor (bully) e a vítima (bullied). Para aqueles fora do relacionamento, parece que o poder do agressor depende somente da perceção da vítima, que parece estar mais intimidada e não oferece resistência. Todavia, a vítima tem, geralmente, motivos para temer o agressor, devido às ameaças ou concretizações de violência física ou psicológica, ou perda dos meios de resistir (subsistência). Neste trabalho, encaramos Bullying como um conjunto de comportamentos agressivos ou de intimidação com um vasto grupo de características comuns e que ocorre em ambiente escolar. Assim como outros comportamentos agressivos, também o Bullying é identificado pela capacidade de magoar alguém que é vitima e objeto do ato agressivo; por seu lado, os agressores manifestam a tendência para desencadear e agravar situações em que as vítimas já se encontram numa situação de fragilidade. O sofrimento causado à vítima pode ser físico, psicológico, físico e psicológico ao mesmo tempo, ou passar pela exclusão ou marginalização social. O Bullying distingue-se de outros comportamentos agressivos pela sua intencionalidade de fazer mal e pela continuidade da prática violenta a que a vítima é sujeita. Gozar, chamar nomes, ameaçar, empurrar, humilhar, excluir de brincadeiras e jogos são atos de todos os dias, que acontecem “desde sempre, desde que há crianças”. A tudo isso se chama Bullying. Algo que muitas vezes é considerado pelos adultos como “saudável” e “uma boa forma de aprender a viver e a defender-se”,

Violência Escolar

Página 5


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

mas que pode deixar marcas para toda a vida. São atos de todos os dias, que acontecem desde sempre. Normalmente o Bullying é identificável por três fatores: - o mal que é causado à vítima não resulta de um ato isolado, mas de uma repetição de atos ou provocações; - a intimidação e vitimização são regulares; - o agressor é, normalmente, mais forte fisicamente e/ou apresenta um perfil violento e ameaçador. A vítima está, geralmente, numa posição de inferioridade física e/ou psicológica para se defender ou pedir ajuda. Atendendo a estes três fatores, são de considerar os seguintes tipos de Bullying: - físico: quando se verifica recurso à violência pela força física ou por omissão (bater, pontapear, beliscar, ferir, empurrar, agredir, …); - verbal: quando se verifica recurso à violência pelo uso da palavra (chamar nomes. gozar, insultar, …); - relacional (ou psicológico) / racial: quando se verifica a exclusão de grupos sociais ou há comportamentos racistas (intimidar, ameaçar, perseguir, ignorar, aterrorizar, excluir, humilhar, …); - sexual: quando se verifica a utilização de comentários de índole sexual e até mesmo tentativas ou efetivação de contacto sexual (abusar, assediar, insinuar, violar sexualmente, …); - material: quando se danifica ou destrói objetos pertencentes a outro (roubar material, destruir pertences, esconder objetos, …); - Cyberbullying: quando se recorre às novas tecnologias da informação e comunicação para difamar, maltratar, humilhar e constranger. b- Causas do Bullying Esta realidade relaciona-se, na maior parte das vezes, com as dificuldades emocionais de cada agressor. Normalmente, no quadro familiar ou próximo do agressor, há uma história de violência associada; neste caso o agressor convive com a violência de perto. Esta "naturalidade" com que observa as situações de violência passa a ser a única forma que conhece, sendo esta sensação de "poder" que motiva o agressor na continuação da sua atividade. Geralmente, estes indivíduos não têm um acompanhamento familiar positivo e essencial para encontrarem estratégias de lidar com determinado tipo de problemas e os ultrapassar. Nestas situações de Bullying existem, normalmente, três elementos envolvidos: o agressor, a vítima e o espetador. Agressor (Bully): aquele que pratica, reiteradamente, uma situação de Bullying. São, normalmente, oriundos de famílias menos bem estruturadas ou de meios sociais com um relacionamento afetivo mais pobre. O não acompanhamento constante, por parte da família, o recurso a uma supervisão parental mais agressiva para a resolução de problemas do dia-a-dia, podem levar a que o agressor se sinta "legitimado". Violência Escolar

Página 6


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

O agressor quer ser o centro das atenções e sente-se recompensado, mesmo que por um curto espaço de tempo, por obter status, poder ou objetos materiais que desejava; dessa forma, sente prazer em estar na situação ou no papel que desempenha durante as ações de ameaças, agressões, ou ridicularização da vítima. O agressor pode sentir dificuldades em entender os sentimentos e emoções do outro, sendo assim mais violento e não sentindo remorsos pelos seus atos; pode, por outro lado, ser um indivíduo que planeia mais os seus atos de agressão, sendo, por isso, dissimulado e mais difícil de controlar e identificar. Há ainda o agressor passivo que se caracteriza por ser inseguro e ansioso, participando nas agressões mas sem tomar a iniciativa. Vítima (Bullied): aquele que sofre uma situação de violência; é normalmente uma pessoa frágil e sem habilidades físicas ou psicológicas para reagir. Esta vítima caracteriza-se por um forte sentimento de insegurança em si e nas suas capacidades; está suficientemente isolado socialmente para não poder pedir ajuda aos amigos que não tem ou aos amigos que não consegue fazer. A vítima pode ser psicologicamente forte, mas o agressor sentirá sempre uma necessidade de demonstrar que é melhor. Normalmente, a vítima apresenta alguma característica que chama a atenção do agressor (a roupa, o telemóvel, o comportamento "acanhado", uma determinada característica física, …). Espetador: aquele que presencia as situações de Bullying e não interfere nem ajuda a vítima. Este elemento não concretiza um apoio à vítima por ter medo ou ser inseguro, ou por não ter coragem de enfrentar o agressor. Este espetador pode, em determinados casos, não sofrer as agressões diretamente, mas sentir-se incomodado com a situação a que assiste por não concordar ou por ser incapaz de agir. c- Consequências do Bullying O Bullying pode marcar a personalidade de uma pessoa para sempre, pode torná-la débil na capacidade de comunicação, ou torná-la incapaz de se afirmar em termos sociais, profissionais e amorosos. As crianças que sofrem Bullying, dependendo das suas características individuais e das suas relações com o meio em que vivem, em especial as famílias, podem não superar totalmente os traumas sofridos. Poderão crescer com sentimentos negativos, especialmente com uma baixa autoestima, tornando-se adultos com sérios problemas de relacionamento. Poderão assumir, também, um comportamento passivo ou agressivo e mais tarde podem vir a sofrer ou a praticar Bullying no trabalho (workplace Bullying). Em casos extremos, alguns deles poderão tentar ou cometer o suicídio. Quando não há intervenções efetivas, das Direções, dos docentes ou de outros elementos da comunidade educativa contra o Bullying, no ambiente escolar, este torna-se totalmente contaminado e viciado de rotinas graves e perigosas. Todas as crianças, sem exceção, são afetadas negativamente, passando a experimentar sentimentos de ansiedade e medo. Alguns alunos que testemunham Violência Escolar

Página 7


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

situações de Bullying, quando se apercebem que este tipo de comportamento agressivo não traz nenhuma consequência ou punição a quem o pratica, poderão achar por bem adotá-lo, tornando-se assim em futuros agressores. Estes atos violentos podem ter consequências para a vítima e para o agressor. As consequências mais comuns para a vítima são: - perceção distorcida da realidade cognitiva; - perda de autoconfiança; - perda de autoestima; - falta de concentração; - dificuldades de ajustamento na adolescência e na vida adulta (nomeadamente problemas de relações pessoais); - ansiedade; - medo de expressões e emoções; - dores não-especificadas; - medo da escola por ser o local desagradável e inseguro; - stress de desordem pós-traumática; - abuso de drogas e álcool; - automutilação; - depressão; - depressão reativa (forma de depressão clínica causada por eventos exógenos); - morte (muitas vezes por suicídio ou vítima de homicídio). Para o agressor, as consequências mais frequentes são: - perceção distorcida da realidade; - crença na força como forma de resolução de problemas; - dificuldade de respeitar ordens ou normas de vida em sociedade; - dificuldade de integração social; - dificuldade de relacionamento afetivo e social; - incapacidade ou dificuldade de autocontrolo; - comportamentos antissociais. d- Sinais de alerta Torna-se mais fácil identificar casos de Bullying quando os mesmos são testemunhados por alguém que apresenta queixa ou quando a própria vítima se queixa direta ou indiretamente. No entanto, esta é uma situação que ocorre esporadicamente; o mais normal é que as situações se prolonguem no tempo sem que se saiba. Há, no entanto, alguns sinais a que temos de estar atentos quer junto do agressor ou da vítima: - recusa ou falta de vontade em ir para a escola; - sentir-se mal perto da hora de sair de casa para ir para a escola; - tristeza, melancolia e angústia (expressas em choro, stress, impulsividade, etc); - procura de caminhos alternativos na ida e regresso da escola; - diminuição estranha do rendimento escolar; Violência Escolar

Página 8


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

- dificuldades de aprendizagem e notas excecionalmente baixas; - redução da socialização com os colegas e isolamento; - pedido injustificado de dinheiro aos pais; - arranhões e cortes não justificados no corpo; - objetos pessoais danificados; - nervosismo injustificado; - pesadelos constantes; - pedido para sair da escola; - queixas de mal estar geral (fadiga, dores de cabeça, dores de estômago, etc). e- Sugestão de medidas para intervenção Podemos apresentar algumas sugestões para intervenção junto dos elementos envolvidos em situações de Bullying. Na escola: - sempre que surja alguma indicação, por mais ténue que seja, de uma possível situação de Bullying, deve ser partilhada com outros professores e/ou funcionários da escola; - sempre que se desconfie de alguma situação de Bullying, deve conversar-se com os colegas do aluno e tentar determinar alterações súbitas de comportamento; - sempre que se desconfie de alguma situação de Bullying, deve conversar-se com os funcionários responsáveis pela vigilância dos espaços exteriores de forma a obter informação sobre o modo como o aluno é tratado pelos colegas; - criar espaços destinados aos alunos para obterem informação ou apresentarem queixa sobre situações de Bullying sem que tenham de se identificar ou comprometer (publicação de histórias sobre o tema, inquéritos, caixa de bilhetes, caixa de sugestões, entre outros); - encorajar os alunos a realizarem relatos de histórias e depoimentos sobre Bullying e ouvir com muita atenção, fazendo perguntas esclarecedoras sem interromper ou constranger, mostrando simpatia sem reações exageradas e demonstrando que se acredita o que o aluno está a contar; - sempre que se determine a possibilidade de suicídio, a presunção deve ser levada a sério e recorrer a ajuda profissional; - intervir em toda e qualquer situação de Bullying testemunhada, por mais "inocente" que pareça, colocando-lhe um fim e não tentando dialogar ou compreender as razões de um ou de outro; - criar um programa de encontros regulares com especialistas ou testemunhas de situações de Bullying, onde se possa conversar livremente sobre o tema e sobre situações vividas / testemunhadas; - sempre que um aluno vem falar ou relatar uma situação de Bullying, como testemunha ou como vítima, deve saber-se ouvir atentamente. - convidar os pais ou encarregados de educação para encontros ou palestras subordinadas ao tema do Bullying ou violência escolar, de forma a transmitir informação e orientação. Logo que sejam encontrados sinais de alerta para uma qualquer situação de Bullying, devem ser contactados os pais ou convocados para reunião. Violência Escolar

Página 9


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Todos temos de encarar estas situações de violência entre alunos como um fenómeno real que se desenvolve num ambiente que lhe é propício, o escolar. Pode sempre parecer-nos que "na minha Escola isso não acontece" ou "os meus alunos são incapazes de fazer tal coisa", mas devemos estar constantemente alerta, pois o Bullying é uma realidade mais ou menos presente ou mais ou menos dissimulada em ambiente escolar. "O Bullying pode ocorrer em qualquer contexto social, como escolas, universidades, famílias, vizinhança e locais de trabalho. O que, à primeira vista, pode parecer um simples apelido inofensivo pode afetar emocional e fisicamente o alvo da ofensa." (Cléo Fante). O professor é um exemplo fundamental de pessoa que não resolve conflitos recorrendo à violência. Não adianta, porém, pensar que o Bullying só é problema dos educadores quando ocorre do portão da escola para dentro. É papel da escola construir uma comunidade na qual todas as relações sejam baseadas no respeito. Como refere Adriana Ramos, ''Deve-se consciencializar os pais e os alunos sobre os efeitos das agressões fora do ambiente escolar, como na internet, por exemplo''. Em casa: - determinar que está a precisar de ajuda; - não tentar ignorar a situação; - procurar manter a calma; - mostrar que a violência deve ser evitada; - não o agredir nem o intimidar; - mostrar que sabe o que está a acontecer e procurar demostrar que o ama; - conversar com ele; - garantir que o quer ajudar; - tentar identificar algum problema atual; - com o consentimento dele, tentar entrar em contacto com a escola; - procurar auxiliá-lo a encontrar meios não agressivos; - encorajá-lo a pedir desculpa ao colega que agrediu, no caso de ser o agressor; - tentar descobrir alguma coisa positiva em que ele se possa sair bem para elevar a sua autoestima. f- Alvos de Bullying Os alvos de Bullying são, normalmente, pessoas ou grupos que são prejudicados ou que sofrem as consequências agressivas dos comportamentos de outros e que não dispõem de recursos, status ou habilidades para reagir ou cessar os atos danosos contra si. São, geralmente, pouco sociáveis. Um forte sentimento de insegurança impede-os de solicitar ajuda. São pessoas sem esperança quanto às possibilidades de se integrarem no grupo. A baixa autoestima é agravada por intervenções críticas ou pela indiferença dos adultos (pais e docentes) sobre o seu sofrimento. Alguns creem ser merecedores do que lhes é imposto (aplicado como castigo aceite). Têm poucos amigos, são passivos, quietos e não reagem efetivamente aos atos de agressividade sofridos. Violência Escolar

Página 10


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

As vítimas de Bullying tornam-se muitas vezes pessoas tão frágeis que chegam mesmo a tentar o suicídio. E o pior é que quando as vítimas procuram denunciar as situações em que vivem, “são mal recebidas, acabando por ser também vítimas de incompreensão”. V- Cyberbullying a- Conceito de Cyberbullying Cyberbullying ou Bullying virtual é uma modalidade do Bullying que utiliza os meios de comunicação mais modernos, atuais e avançadas tecnologias da informação e comunicação para constranger, humilhar e maltratar as suas vítimas. No Bullying, a violência acontece no mundo real, onde é menos difícil identificar os agressores. Já no Cyberbullying, o sigilo das identidades ganha um aliado poderoso valendo-se de apelidos (nicknames), usando nomes de pessoas famosas ou conhecidas. É necessário ter sempre em mente que, normalmente, as vítimas são atacadas por diversos tipos de agressão. São ataques combinados e esta junção dos diversos tipos de Bullying aumenta demasiadamente a possibilidade da exclusão social intensa e traumática pela vítima. O Cyberbullying teve a sua origem numa simples brincadeira. Conhecidos como “correios elegantes e/ou amigo oculto”, as pessoas trocavam mensagens na sua maioria carinhosas, porém, havia sempre um pequeno grupo que era o alvo de agressões textuais. Portanto, já naquela época, os agressores se escondiam no anonimato. É evidente que, naquele tempo, não estavam disponíveis recursos tecnológicos tão atuais, mas já havia indivíduos empenhados em utilizar das brincadeiras inocentes para expor conteúdos difamatórios, que passavam de mão em mão e que constrangiam as vítimas, exatamente da mesma forma que acontece atualmente. A moderna tecnologia disponibiliza diversos recursos e os seus praticantes recorrem a todas as possibilidades; dentre elas estão: e-mails, blogs, fotoblogs, MSN, Orkut, YouTube, Skype, Twitter, MySpace, Facebook, fotoshop, entre outros e, valendo-se do anonimato, inventam mentiras, espalhando rumores, boatos depreciativos e insultos sobre outros estudantes ou, até mesmo, das famílias desses outros estudantes, professores e demais profissionais da escola. Qualquer pessoa pode ser vítima desse maciço "bombardeamento" de ofensas que, instantaneamente, se multiplica e se intensifica, quando disparado por via informática ou por meio da Internet. Normalmente, os agressores criam perfis falsos, passando-se por outra pessoa ou, até mesmo, simplesmente adotando apelidos mais diversos para espalhar as calúnias e as intrigas; chegam a criar blogs apenas para atormentar as vítimas escolhidas. Os sites como Orkut e MySpace são usados para excluir as vítimas destas comunidades virtuais. Para isso, promovem ataques caluniosos como insultos sórdidos, comentários racistas, preconceituosos, sexistas, feitos da maneira mais desrespeitosa possível e, muitas vezes, utilizando fotografias alteradas das vítimas, com montagens constrangedoras e bizarras. Como se não bastasse, ainda divulgam Violência Escolar

Página 11


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

estas fotos nos mais diversos sites, transformando-as em animações do YouTube, colocando-as em newsgroups (grupos de discussão) e tornando-as públicas por meio de materiais impressos que, geralmente, são distribuídos entre os estudantes e afixados em locais de forte acesso como os corredores da escola. Há casos ainda mais absurdos e com repercussão ainda maior como a clonagem do e-mail da vítima, passando a enviar mensagens difamatórias e caluniosas a outras pessoas, como se a própria vítima fosse a responsável por isso. Os praticantes de Cyberbullying fazem de tudo para semear a desordem e desentendimento entre aqueles que participam com seriedade e interesse dos fóruns e livros de visitas virtuais. Deixam mensagens depreciativas sobre o assunto em questão ou opinam de forma inconveniente, só para ver “o circo a pegar fogo”. Também promovem votações em vários sites só para eleger o colega mais esquisito. As consequências psicológicas para estas vítimas são incalculáveis. A vítima não tem forma de sair ilesa diante das maldades maquiavélicas, da divulgação dos seus nomes e imagens na rede mundial. Muitas vezes, estes ataques chegam até a atingir os seus familiares ou os seus amigos mais próximos. b- Causas do Cyberbullying Atendendo ao vasto leque de causas que podem levar alguém a praticar Cyberbullying, destacamos aquelas que resultam de estudos já feitos. Em primeiro lugar poderemos referir a ignorância; normalmente o Cyberbullying é praticado por adolescentes e nesta idade ainda não existe uma forte e consistente capacidade de pensar no futuro, não medindo as consequências do que a palavra dita pode causar noutra pessoa. Por vezes, e por falta do que fazer, começa-se a humilhar alguém só para ter a sensação de "estar ocupado" ou de ter algum "entretenimento" na vida. Em segundo lugar, a sede de poder. Na juventude é normal querer ter o controle de tudo; acreditamos que podemos fazer tudo quando, na realidade, não sabemos nem metade das razões que justificam aquilo que fazemos. Para se sentirem poderosas, as pessoas usam a discriminação para parecerem melhores do que os outros. Depois podemos apontar o anonimato. Este é o fator mais importante já que é muito fácil mandar um hate-mail ou uma hate-message; como se está protegido pelo anonimato, ninguém vai saber quem a pessoa é e esta não terá, nunca, de assumir as consequências do seu comportamento. A vingança também pode ser uma das causas do Cyberbullying. Sendo uma razão preocupante, pois é aquela que se caracteriza por uma maior malícia. Nestes casos, o agressor sabe o que está a fazer e fá-lo de propósito. Na maior parte das vezes os que se vingam desta forma são os chamados nerds ou marginais, na medida em que acreditam que só desta forma conseguem resolver os seus problemas.

Violência Escolar

Página 12


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

c- Consequências do Cyberbullying O Cyberbullying pode trazer consequências drásticas, como a morte ou suicídio de alguém. Assim, muitas pessoas enfrentam as consequências de páginas intituladas “Eu odeio fulana”, onde a vítima, na sua maioria de grupos minoritários (mulheres, negros, homossexuais, etc.), se torna alvo de todo o tipo de calúnia. Entre as diversas consequências do Cyberbullying, destacamos: - distúrbio do sono; - problemas de estômago; - transtornos alimentares; - irritabilidade; - depressão; - transtornos de ansiedade; - impotência; - medo de sair à rua; - dor de cabeça; - falta de apetite; - pensamentos destrutivos, como desejo de morrer, entre outros. A longo prazo, as pessoas podem ter: - alterações da personalidade características do stress pós-traumático; - dificuldades de relacionamento social; - sentimento de isolamento, solidão e abandono; - sentimento de "perdedor"; - perda da confiança em si mesmo; - desesperança d- Como evitar o Cyberbullying Para tentar evitar o perigo de manipulação dos jovens na Internet, a orientação e vigilância parental torna-se num dos fatores mais importantes. Esta atenção previne que sejam vítimas de agressores que buscam alvos fáceis para efetivarem o seu domínio. Neste sentido devem ser observadas ações simples como: - instruir o jovem a não aceitar convites de estranhos nas redes sociais; - comunicar imediatamente aos pais, caso seja vítima de agressão on-line e denunciá-lo ao administrador do site; - evitar que exponham fotos e vídeos pessoais na rede, que possam vir a ser usados para montagens maldosas; - instalar programas que controlem o acesso a determinados sites; - monitorar os sites consultados por meio do histórico do navegador; - dizer que ao fazer comentários ou e-mails agressivos na rede, o responsável poderá ser responsabilizado judicialmente. Na escola: Ensinar a olhar para o outro. A criação de relacionamentos saudáveis, em que os colegas tolerem as diferenças e tenham senso de proteção coletiva e Violência Escolar

Página 13


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

lealdade, são o primeiro passo para a prevenção destas situações violentas. É preciso desenvolver no grupo a capacidade de se preocupar com o outro, construindo uma imagem positiva de si e de quem está no seu entorno. Deixar a turma falar num ambiente equilibrado. Desta forma, o professor forma vínculos estreitos com os estudantes, que mostram o que os deixa descontentes e são, de fato, reconhecidos quando sofrem - o que é diferente de achar que não há motivo para se chatear. Dar o exemplo. A equipa da escola não deve agir com violência e autoritarismo; se assim acontecer, os jovens aprendem que os gritos e a indiferença são formas normais de enfrentar insatisfações. Os professores devem ser sempre o modelo (para o bem e para o mal). Mostrar os limites. É essencial estabelecer normas e justificar por que devem ser seguidas. Às vezes, por medo de ser rígidos demais, os educadores deixam os adolescentes "soltos". Mas eles nem sempre sabem o que é melhor fazer e precisam de uma orientação. Alertar para os riscos da tecnologia. O aluno deve estar ciente da necessidade de limitar a divulgação de dados pessoais nos sites de relacionamento, o tempo de uso do computador e os conteúdos consultados. Quanto menos exposição da intimidade e menor o número de relações virtuais, mais seguro ele estará. Ficar atento. Com um trabalho de consciencialização constante, os casos resolvem-se antes de acontecerem. Reuniões com pais e encontros com grupos de alunos ajudam a evitar que o problema se instale. Em casa: - ensinar a olhar para o outro; - deixar o adolescente falar num ambiente equilibrado; - dar o exemplo; - mostrar os limites; - alertar para os riscos da tecnologia; - ficar atento. e- Alvos de Cyberbullying A vítima costuma ser tímida ou pouco sociável e foge do padrão da turma pela aparência física (raça, altura, peso), pelo comportamento (melhor desempenho na escola) ou ainda pela religião. Geralmente, é insegura e, quando agredida, fica retraída e sofre, o que a torna um alvo ainda mais fácil. A maior parte das vítimas tem entre 12 e 14 anos. Por serem calados ou sensíveis, têm medo de se manifestar ou não encontram força suficiente para isso. Outros até concordam com a agressão, de acordo com Luciene Tognetta. O discurso deles vai no seguinte sentido: "Se sou gorda, por que vou dizer o contrário?" Aqueles que conseguem reagir alternam momentos de ansiedade e agressividade. Para mostrar que não é covarde ou quando percebe que os seus agressores ficaram impunes, a vítima pode escolher outras pessoas mais indefesas e passar a provocá-las, tornando-se alvo e agressor ao mesmo tempo. Violência Escolar

Página 14


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

VI- Denúncia Sempre que ocorra uma situação de Bullying ou Cierbullying, após comunicação aos pais, ao professor, à Direção da escola ou a outro elemento mais próximo (GNR, PSP ou Bombeiros), a vítima deverá recorrer a:

APAV - Apoio à vítima http://www.apavparajovens.pt 707 200 077 Associação Nacional de Professores 808 968 888 Internet Segura www.internetsegura.pt 218 440 126 report@linhaalerta.internetsegura.pt Linha SOS Bullying 808 962 006 bulialuno@anprofessores.pt SOS Estudante 969 554 545 ou 808 200 204 Provedor da Justiça 808 200 084 CNPCJR Comissão Nacional de Proteção das Crianças e Jovens em Risco 211 155 270 cnpcjr@seg-social.pt Portal Bullying https://www.portalbullying.com.pt/

Violência Escolar

Página 15


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Caracterização da amostra

Violência Escolar

Página 16


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

1.- Total de alunos inquiridos. 1.1. - Por idade. No estudo, foram inquiridos 446 alunos (71,70% do total de alunos da Escola) de um total de 622 que frequentam a Escola Secundária de Barcelinhos. A sua distribuição pela idade corresponde a 45 alunos com 12 anos (10,09%), 49 com 13 anos (10,99%), 34 com 14 anos (7,62%), 101 com 15 anos (22,65%), 92 com 16 anos (20,63%), 95 com 17 anos (21,20%) 24 com 18 anos (5,38%) e 6 com 19 anos (1,35%). Idade

Idade

19

19

18

18

17

17

16

16

15

15

14

14

13

13

12

12 0

20

Total N.º %

40

60

12 45 10,09

80

100

13 49 10,99

120

14 34 7,62

0,00%

15 101 22,65

5,00%

10,00%

16 92 20,63

15,00%

17 95 21,20

20,00%

18 24 5,38

25,00%

19 6 1,35

Dos 446 alunos inquiridos, 144 são do Ensino Básico (32,29% do total de inquiridos). A distribuição destes alunos do Ensino Básico pela idade corresponde a 45 alunos com 12 anos (31,25%), 49 com 13 anos (34,03%), 34 com 14 anos (23,61%) e 16 com 15 anos (11,11%). Idade

Idade

40,00%

60

30,00%

40

20,00% 20

10,00%

0,00%

0 11

12

13

Básico N.º %

14

12 45 31,25

15

11

16

13 49 34,03

12

13

14 34 23,61

14

15

16

15 16 11,11

Dos 446 alunos inquiridos, 302 são do Ensino Secundário (67,71% do total de inquiridos). Esses alunos correspondem a 246 do ensino regular (81,46%) e 56 do ensino profissional (18,54%). A distribuição destes alunos do Ensino Secundário pela idade corresponde a 85 alunos com 15 anos (28,15%), 92 com 16 anos (30,46%), 95 com 17 anos (31,46%), 24 com 18 anos (7,95%) e 6 com 19 anos (1,99%).

Violência Escolar

Página 17


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Idade

Idade 35,00%

100 90 80 70 60 50 40 30 20 10 0

30,00% 25,00% 20,00%

15,00% 10,00% 5,00% 0,00% 15

16

17

18

Secundário N.º %

19

20

21

15 85 28,15

22

15

16 92 30,46

16

17 95 31,46

17

18

19

20

21

18 24 7,95

22

19 6 1,99

1.2. - Por género. Relativamente ao género, 231 alunos são do género feminino (51,79%) e 215 do género masculino (48,21%). Género

Género

Rapaz

Rapaz

Rapariga

Rapariga

205

210

215

220

225

Total 446 respostas

N.º %

230

235

46,00% 47,00%

48,00% 49,00%

50,00%

Rapariga

Rapaz

231 51,79

215 48,21

51,00%

52,00%

No Ensino Básico, 79 dos alunos são do género feminino (54,86%) e 65 do género masculino (45,14%). Género

Género

60,00%

80 60

40,00%

40

20,00%

20

0,00%

0 Rapariga

Básico 144 respostas

N.º %

Violência Escolar

Rapariga

Rapaz

Rapaz

Rapariga

Rapaz

79 54,86

65 45,14

Página 18


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

No Ensino Secundário, 152 dos alunos são do género feminino (50,33%) e 150 do género masculino (49,67%). Género

Género

152

50,40%

151,5

50,20%

151

50,00%

150,5

49,80%

150

49,60%

149,5

49,40%

149

49,20% Rapariga

Rapaz

Secundário 302 respostas

Rapariga

Rapaz

Rapariga

Rapaz

152 50,33

150 49,67

N.º % 1.3. - Por ano de escolaridade.

66 alunos frequentam o 7.º ano (14,80%), 44 o 8.º ano (9,87%), 34 o 9.º ano (7,62%), 127 o 10.º ano (28,48%), 61 o 11.º ano (13,68%) e 114 o 12.º ano (25,56%). Aponta-se, ainda, que 390 (87,44%) desses alunos são do ensino regular e 56 (12,56%) do ensino profissional. Ano de Escolaridade

Ano de Escolaridade

Profissional

Profissional

Regular

Regular

12.º

12.º

11.º

11.º

10.º

10.º

9.º

9.º

8.º

8.º

7.º

7.º 0

50

100

150

Total

250

300

350

7.º

8.º

9.º

66 14,80

44 9,87

34 7,62

446 respostas

N.º %

200

400

0,00%

10.º

11.º

20,00%

12.º

40,00%

60,00%

80,00%

100,00%

Regular Profissional

127 61 114 28,48 13,68 25,56

390 87,44

56 12,56

Em relação ao Ensino Básico, 66 alunos frequentam o 7.º ano (45,82%), 44 o 8.º ano (30,56%) e 34 o 9.º ano (23,61%). O total de alunos deste nível de ensino pertence ao ensino regular. Ano de Escolaridade

Ano de Escolaridade

100,00%

150 100

50,00%

50 0,00%

0 7.º

8.º

9.º

Violência Escolar

Regular

Profissional

CEF

7.º

8.º

9.º

Regular

Profissional

CEF

Página 19


Escola Secundária de Barcelinhos

Básico 144 respostas

N.º %

Ano Letivo 2017/2018

7.º

8.º

9.º

Regular

66 45,82

44 30,56

34 23,61

144 100,00%

Em relação ao Ensino Secundário, 127 alunos frequentam o 10.º ano (40,25%), 61 o 11.º ano (20,20%) e 114 o 12.º ano (37,75%). Os alunos deste nível de ensino distribuem-se por 246 (81,46%) do ensino regular e 56 (18,54%) do ensino profissional. Ano de Escolaridade

Ano de Escolaridade 90,00%

250

80,00% 200

70,00%

60,00%

150

50,00% 40,00%

100

30,00% 20,00%

50

10,00% 0,00%

0 10.º

11.º

Secundário 302 respostas

N.º %

12.º

Regular

Profissional

10.º

CEF

11.º

12.º

Regular

Profissional

CEF

10.º

11.º

12.º

Regular

Profissional

127 42,05

61 20,20

114 37,75

246 81,46

56 18,54

Violência Escolar

Página 20


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

2.- Situação dos alunos inquiridos. 2.1. - Por número de retenções. Assinalam-se 54 alunos com retenções (12,11%) e 392 alunos (87,89%) sem retenções no seu percurso escolar. Dos 45 alunos com retenções, 41 (77,36%) ficaram retidos uma vez, 8 (15,09%) ficaram retidos 2 vezes e 4 (7,55%) ficaram retidos 3 ou 4 vezes. Já alguma vez reprovaste?

Já alguma vez reprovaste?

Não

Não

Sim

Sim

0

100

200

300

400

0,00%

20,00%

Quantas vezes reprovaste?

Cinco ou mais vezes

Três ou quatro vezes

Três ou quatro vezes

Duas Vezes

Duas Vezes

Uma vez

Uma vez

Total 446 respostas

N.º %

10

20

30

Sim

Não

54 12,11

392 87,89

60,00%

80,00%

100,00%

Quantas vezes reprovaste?

Cinco ou mais vezes

0

40,00%

40

50

0,00%

Total 53 respostas

N.º %

1 vez 41 77,36

20,00%

40,00%

2 vezes 8 15,09

60,00%

3 ou 4 vezes 4 7,55

80,00%

5 ou + vezes 0 0,00

No Ensino Básico, 19 alunos têm retenções (13,19%) e 125 alunos (86,81%) nunca ficaram retidos ao longo do seu percurso escolar. Desses 19 alunos com retenções, 12 (63,16%) ficaram retidos uma vez, 4 (21,05%) ficaram retidos 2 vezes e 3 (15,79%) ficaram retidos 3 ou 4 vezes. Já alguma vez reprovaste?

Já alguma vez reprovaste?

100,00%

150 100

50,00%

50

0,00%

0 Sim

Violência Escolar

Não

Sim

Não

Página 21


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Quantas vezes reprovaste?

Quantas vezes reprovaste?

20

80,00%

15

60,00%

10

40,00%

5

20,00% 0,00%

0 Uma vez

Duas Vezes

Três ou quatro vezes

Básico

Sim

Não

19 13,19

125 86,81

144 respostas

N.º %

Cinco ou mais vezes

Uma vez

Não Respondeu

Básico 19 respostas

N.º %

Duas Vezes

1 vez 12 63,16

Três ou quatro vezes

2 vezes 4 21,05

Cinco ou mais vezes

3 ou 4 vezes 3 15,79

Não Respondeu

5 ou + vezes 0 0,00

No Ensino Secundário, 35 alunos já ficaram retidos (11,59%) e 267 alunos (88,41%) nunca ficaram retidos ao longo do seu percurso escolar. Desses 35 alunos com retenções, 29 (85,29%) ficaram retidos uma vez, 4 (11,76%) ficaram retidos 2 vezes e 1 (2,94%) ficou retido 3 ou 4 vezes. Já alguma vez reprovaste?

Já alguma vez reprovaste?

90,00% 80,00% 70,00% 60,00% 50,00% 40,00% 30,00% 20,00% 10,00% 0,00%

300 250

200 150 100 50 0 Sim

Não

Sim

Quantas vezes reprovaste?

Não

Quantas vezes reprovaste? 90,00% 80,00% 70,00% 60,00% 50,00% 40,00% 30,00% 20,00% 10,00% 0,00%

35 30

25 20

15 10

5 0 Uma vez

Duas Vezes

Secundário 302 respostas

N.º %

Três ou quatro vezes

Cinco ou mais vezes

Não Respondeu

Uma vez

Sim

Não

Secundário

35 11,59

267 88,41

N.º %

Violência Escolar

34 respostas

Duas Vezes

1 vez 29 85,29

Três ou quatro vezes

2 vezes 4 11,76

Cinco ou mais Não Respondeu vezes

3 ou 4 5 ou + vezes vezes 1 0 2,94 0,00

Página 22


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Dados do inquérito

Violência Escolar

Página 23


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

3.- As questões do inquérito. 3.1.- Já ouviste falar de Bullying e/ou Cyberbullying? 9 alunos (2,02%) afirmaram ter ouvido falar unicamente de Bullying e 437 (97,98%) ouviram já falar de Bullying e Cyberbullying. Já ouviste falar em Bullying e/ou em Ciberbullying?

Já ouviste falar em Bullying e/ou em Ciberbullying?

Não

Não

Sim, do Ciberbullying

Sim, do Ciberbullying

Sim, de ambos

Sim, de ambos

Sim, do Bullying

Sim, do Bullying

0

100

200

300

400

Sim, do Bullying 9 2,02

Total 446 respostas

N.º %

500

0,00%

Sim, de ambos 437 97,98

20,00%

40,00%

60,00%

Sim, do Cyberbullying 0 0,00

80,00% 100,00%

Não 0 0,00

No Ensino Básico, 2 alunos (1,39%) afirmaram ter ouvido falar unicamente de Bullying e 142 (98,61%) ouviram falar de Bullying e Cyberbullying. Já ouviste falar em Bullying e/ou em Ciberbullying?

Já ouviste falar em Bullying e/ou em Ciberbullying?

150

100,00%

100

50,00%

50

0,00%

0

Sim, do Bullying

Sim, de ambos

Sim, do Ciberbullying

Sim, do Bullying 2 1,39

Básico 144 respostas

N.º %

Sim, do Bullying

Não

Sim, de ambos 142 98,61

Sim, de ambos

Sim, do Ciberbullying

Sim, do Cyberbullying 0 0,00

Não

Não 0 0,00

No Ensino Secundário, 7 alunos (2,32%) afirmaram ter ouvido falar unicamente de Bullying e 295 (97,68%) ouviram falar de Bullying e Cyberbullying. Já ouviste falar em Bullying e/ou em Ciberbullying?

Já ouviste falar em Bullying e/ou em Ciberbullying? 100,00%

300 250

80,00%

200

60,00%

150

40,00%

100

20,00%

50 0

0,00% Sim, do Bullying

Sim, de ambos

Violência Escolar

Sim, do Ciberbullying

Não

Sim, do Bullying

Sim, de ambos

Sim, do Ciberbullying

Não

Página 24


Escola Secundária de Barcelinhos

Sim, do Bullying 7 2,32

Secundário 302 respostas

N.º %

Ano Letivo 2017/2018

Sim, de ambos 295 97,68

Sim, do Cyberbullying 0 0,00

Não 0 0,00

3.2.- Na tua escola alguém já te informou sobre o Bullying e/ou o Cyberbullying? Quem te informou sobre Bullying e/ou o Cyberbullying na escola? 21 alunos (4,72%) disseram que na escola ouviram falar unicamente de Bullying. Por outro lado, 14 alunos (3,15%) afirmaram ter unicamente ouvido falar de Cyberbullying na escola. 402 alunos (90,34%) ouviram falar de Bullying e Cyberbullying enquanto frequentavam a escola. 8 alunos (1,80%) referiram que nunca ouviram falar destas realidades na escola. Em 141 dos casos (22,49%) receberam a informação através de um professor ou de uma professora, 316 (50,40%) informou-se numa atividade de sensibilização/palestra, 142 (22,65%) foi informado pela Escola Segura, 6 (0,96%) informou-se através da Associação de Pais e 22 (3,51%) encontrou informação através de outros meios. Na tua escola alguém já te informou sobre o Bullying e/ou o Ciberbullying?

Na tua escola alguém já te informou sobre o Bullying e/ou o Ciberbullying?

Não

Não

Sim, sobre o Ciberbullying

Sim, sobre o Ciberbullying

Sim, sobre ambos

Sim, sobre ambos

Sim, sobre o Bullying

Sim, sobre o Bullying

0

100

200

300

400

500

0,00% 20,00% 40,00% 60,00% 80,00% 100,00%

Quem te informou sobre o Bullying e/ou o Ciberbullying na tua escola?

Quem te informou sobre o Bullying e/ou o Ciberbullying na tua escola?

Outro

Outro

Associação de Pais

Associação de Pais

Escola Segura

Escola Segura

Atividade de sensibilização / Palestra

Atividade de sensibilização / Palestra Professor / a

Professor / a

0

Total 445 respostas

N.º % Total 627 respostas

N.º %

50

0,00%10,00% 20,00% 30,00% 40,00% 50,00% 60,00%

100 150 200 250 300 350

Sim, sobre o Bullying 21 4,72

Sim, sobre ambos 402 90,34

Sim, sobre o Cyberbullying 14 3,15

Não 8 1,80

Professor/a

Atividade de sensibilização / Palestra

Escola Segura

Associação de Pais

Outro

141 22,49

316 50,40

142 22,65

6 0,96

22 3,51

Violência Escolar

Página 25


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

No Ensino Básico, 3 alunos (2,08%) disseram que na escola tinham ouvido falar unicamente de Bullying. Por outro lado, 139 alunos (96,53%) ouviram falar de Bullying e Cyberbullying enquanto frequentavam a escola. 2 alunos (1,39%) referiram que nunca ouviram falar destas realidades na escola. Afirmaram ter tomado conhecimento destas realidade do Bullying ou/e do Cyberbullying, 56 alunos (25,34%) através de um professor ou de uma professora, 78 (35,29%) informou-se numa atividade de sensibilização/palestra, 77 (34,83%) foi informado pela Escola Segura, 4 (1,81%) informou-se através da Associação de Pais e 6 (2,71%) encontrou informação através de outros meios. Na tua escola alguém já te informou sobre o Bullying e/ou o Ciberbullying?

Na tua escola alguém já te informou sobre o Bullying e/ou o Ciberbullying?

100,00%

150 100

50,00%

50

0,00%

0 Sim, sobre o Bullying

Sim, sobre ambos

Sim, sobre o Ciberbullying

Sim, sobre o Bullying

Não

Quem te informou sobre o Bullying e/ou o Ciberbullying na tua escola?

Sim, sobre ambos

Sim, sobre o Ciberbullying

Não

Quem te informou sobre o Bullying e/ou o Ciberbullying na tua escola?

80

40,00%

60

30,00%

40

20,00%

20

10,00%

0,00%

0 Professor / a

Atividade de sensibilização / Palestra

Básico 144 respostas

N.º % Básico 221 respostas

N.º %

Escola Segura

Associação de Pais

Sim, sobre o Bullying 3 2,08

Professor / a

Outro

Sim, sobre ambos 139 96,53

Atividade de sensibilização / Palestra

Escola Segura

Associação de Pais

Sim, sobre o Cyberbullying 0 0

Outro

Não 2 1,39

Professor/a

Atividade de sensibilização / Palestra

Escola Segura

Associação de Pais

Outro

56 25,34

78 35,29

77 34,83

4 1,81

6 2,71

No Ensino Secundário, 18 alunos (5,98%) disseram que na escola tinham ouvido falar unicamente de Bullying. Por outro lado, 263 alunos (87,38%) ouviram falar de Bullying e Cyberbullying enquanto frequentavam a escola; 14 alunos (4,65%) ouviram falar de Cyberbullying na escola e 6 alunos (1,99%) referiram que nunca ouviram falar destas realidades na escola. Afirmaram ter tomado conhecimento destas realidade do Bullying ou/e do Cyberbullying, 85 alunos (20,94%) através de um professor ou de uma professora, 238 (58,62%) informou-se numa atividade de sensibilização/palestra, 65 (16,01%) foi informado pela Escola Segura, 2 (0,49%) informou-se através da Associação de Pais e 16 (3,94%) encontrou informação através de outros meios. Violência Escolar

Página 26


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Na tua escola alguém já te informou sobre o Bullying e/ou o Ciberbullying?

Na tua escola alguém já te informou sobre o Bullying e/ou o Ciberbullying? 100,00%

300 250

80,00%

200

60,00%

150

40,00%

100

20,00%

50 0

0,00% Sim, sobre o Bullying

Sim, sobre ambos

Sim, sobre o Ciberbullying

Não

Sim, sobre o Bullying

Quem te informou sobre o Bullying e/ou o Ciberbullying na tua escola?

Sim, sobre ambos

Sim, sobre o Ciberbullying

Não

Quem te informou sobre o Bullying e/ou o Ciberbullying na tua escola?

250

60,00%

200

50,00% 40,00%

150

30,00%

100

20,00%

50

10,00%

0

0,00% Professor / a

Atividade de Escola Segura sensibilização / Palestra

Associação de Pais

Outro

Sim, sobre o Bullying 18 5,98

Secundário 301 respostas

N.º % Secundário 406 respostas

Professor / a

Sim, sobre ambos 263 87,38

Atividade de Escola Segura Associação de sensibilização / Pais Palestra

Sim, sobre o Cyberbullying 14 4,65

Outro

Não 6 1,99

Professor/a

Atividade de sensibilização / Palestra

Escola Segura

Associação de Pais

Outro

85 20,94

238 58,62

65 16,01

2 0,49

16 3,94

N.º %

3.3.- Em casa os teus pais já te falaram sobre Bullying e/ou Cyberbullying? 134 alunos (29,98%) falaram em casa unicamente sobre Bullying, 229 alunos (51,23%) falaram em casa sobre Bullying e Cyberbullying e 84 alunos (18,79%) nunca falaram destas realidades em casa. Em casa os teus pais já te falaram sobre o Bullying e/ou o Ciberbullying?

Em casa os teus pais já te falaram sobre o Bullying e/ou o Ciberbullying?

Não

Não

Sim, sobre o Ciberbullying

Sim, sobre o Ciberbullying

Sim, sobre ambos

Sim, sobre ambos

Sim, sobre o Bullying

Sim, sobre o Bullying

0

50

Total 447 respostas

N.º %

Violência Escolar

100

150

200

250

Sim, sobre Bullying 134 29,98

0,00% 10,00% 20,00% 30,00% 40,00% 50,00% 60,00%

Sim, sobre ambos 229 51,23

Sim, sobre Cyberbullying 0 0,00

Não 84 18,79

Página 27


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

No Ensino Básico, 47 alunos (32,64%) falaram em casa unicamente sobre Bullying, 80 alunos (55,56%) falaram em casa sobre Bullying e Cyberbullying e 17 alunos (11,81%) nunca falaram destas realidades em casa. Em casa os teus pais já te falaram sobre o Bullying e/ou o Ciberbullying?

Em casa os teus pais já te falaram sobre o Bullying e/ou o Ciberbullying?

60,00%

80 60 40 20 0

40,00% 20,00% 0,00% Sim, sobre o Bullying

Sim, sobre ambos

Sim, sobre o Ciberbullying

Sim, sobre o Bullying

Não

Sim, sobre Bullying 47 32,64

Básico 144 respostas

N.º %

Sim, sobre ambos 80 55,56

Sim, sobre ambos

Sim, sobre o Ciberbullying

Sim, sobre Cyberbullying 0 0,00

Não

Não 17 11,81

No Ensino Secundário, 87 alunos (28,71%) falaram em casa unicamente sobre Bullying, 149 alunos (49,17%) falaram em casa sobre Bullying e Cyberbullying e 67 alunos (22,11%) nunca falaram destas realidades em casa. Em casa os teus pais já te falaram sobre o Bullying e/ou o Ciberbullying?

Em casa os teus pais já te falaram sobre o Bullying e/ou o Ciberbullying? 50,00%

160 140 120 100 80 60 40 20 0

40,00% 30,00% 20,00%

10,00% 0,00% Sim, sobre o Bullying

Sim, sobre ambos

Sim, sobre o Ciberbullying

Não

Sim, sobre o Bullying

Sim, sobre Bullying 87 28,71

Secundário 303 respostas

N.º %

Sim, sobre ambos 149 49,17

Sim, sobre ambos

Sim, sobre o Ciberbullying

Sim, sobre Cyberbullying 0 0,00

Não

Não 67 22,11

3.4.- Alguma vez foste vítima de Bullying? 69 casos (15,51%) afirmaram terem sido já vítimas de Bullying e 376 (84,49%) nunca o foram. Alguma vez foste vítima de Bullying?

Alguma vez foste vítima de Bullying?

Não

Não

Sim

Sim

0

100

200

Violência Escolar

300

400

0,00%

20,00%

40,00%

60,00%

80,00%

100,00%

Página 28


Escola Secundária de Barcelinhos

Total 445 respostas

N.º %

Ano Letivo 2017/2018

Sim

Não

69 15,51

376 84,49

No Ensino Básico, 20 alunos (13,89%) afirmaram terem sido já vítimas de Bullying e 124 (86,11%) nunca o foram. Alguma vez foste vítima de Bullying?

Alguma vez foste vítima de Bullying?

100,00%

150 100

50,00%

50

0,00%

0 Sim

Sim

Não

Básico 144 respostas

N.º %

Não

Sim

Não

20 13,89

124 86,11

No Ensino Secundário, 49 alunos (16,28%) afirmaram terem sido já vítimas de Bullying e 252 (83,72%) nunca o foram. Alguma vez foste vítima de Bullying?

Alguma vez foste vítima de Bullying?

90,00% 80,00% 70,00% 60,00% 50,00% 40,00% 30,00% 20,00% 10,00% 0,00%

300 250

200 150 100 50 0 Sim

Não

Secundário 301 respostas

N.º %

Sim

Não

Sim

Não

49 16,28

252 83,72

3.5.- Em que altura foste vítima de Bullying? 23 alunos (29,11%) referiram terem sofrido Bullying no 1.º Ciclo, 34 (43,04%) afirmaram ter sido no 2.º Ciclo, 19 (24,05%) declararam ter sido no 3.º Ciclo e 3 (3,80%) no Ensino Secundário.

Violência Escolar

Página 29


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Em que altura foste vítima de Bullying?

Em que altura foste vítima de Bullying?

Secundário

Secundário

3.º Ciclo

3.º Ciclo

2.º Ciclo

2.º Ciclo

1.º Ciclo

1.º Ciclo 0

5

10

15

20

Total 79 respostas

N.º %

25

30

35

0,00%

10,00%

20,00%

30,00%

40,00%

50,00%

1.º Ciclo

2.º Ciclo

3.º Ciclo

Secundário

23 29,11

34 43,04

19 24,05

3 3,80

No Ensino Básico, 8 alunos (34,78%) referiram terem sofrido Bullying no 1.º Ciclo, 10 (43,48%) sentiram essa realidade no 2.º Ciclo e 5 (21,74%) no 3.º Ciclo. Em que altura foste vítima de Bullying?

Em que altura foste vítima de Bullying?

60,00%

10

40,00% 5

20,00% 0,00%

0

1.º Ciclo

2.º Ciclo

3.º Ciclo

1.º Ciclo

Secundário

Básico 23 respostas

2.º Ciclo

3.º Ciclo

Secundário

1.º Ciclo

2.º Ciclo

3.º Ciclo

8 34,78

10 43,48

5 21,74

N.º %

No Ensino Secundário, 15 alunos (26,79%) referiram terem sofrido Bullying no 1.º Ciclo, 24 (42,86%) sentiram essa realidade no 2.º Ciclo, 14 (25,00%) afirmaram ter sido no 3.º Ciclo e 3 (5,36%) no Ensino Secundário. Em que altura foste vítima de Bullying?

Em que altura foste vítima de Bullying? 45,00%

25

40,00% 20

35,00% 30,00%

15

25,00% 20,00%

10

15,00%

5

10,00%

0

0,00%

5,00% 1.º Ciclo

2.º Ciclo

Secundário 56 respostas

N.º %

Violência Escolar

3.º Ciclo

Secundário

1.º Ciclo

2.º Ciclo

3.º Ciclo

Secundário

1.º Ciclo

2.º Ciclo

3.º Ciclo

Secundário

15 26,79

24 42,86

14 25,00

3 5,36

Página 30


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

3.6.- Foste vítima de Bullying na escola nos últimos seis meses? 61 alunos (85,92%) não sofreram Bullying na escola neste período de tempo; no entanto, 8 alunos (11,27%) foram vítimas de Bullying por 1 ou 2 vezes, 1 (1,41%) sofreu Bullying 2 ou 3 vezes e a 1 (1,41%) isso aconteceu todas as semanas. Foste vítima de Bullying na escola nos últimos seis meses?

Foste vítima de Bullying na escola nos últimos seis meses?

Sim, todos os dias

Sim, todos os dias

Sim, todas as semanas

Sim, todas as semanas

Sim, duas ou três vezes por mês

Sim, duas ou três vezes por mês

Sim, uma ou duas vezes

Sim, uma ou duas vezes

Não

Não 0

10

20

30

40

71 respostas

Sim, todos os dias

N.º %

0 0,00

Total

50

60

70

Sim, todas as semanas 1 1,41

0,00%10,00%20,00%30,00%40,00%50,00%60,00%70,00%80,00%90,00%

Sim, 2 ou 3 vezes por mês 1 1,41

Sim, 1 ou 2 vezes

Não

8 11,27

61 85,92

No Ensino Básico, nos últimos seis meses, 14 alunos (66,67%) não sofreram Bullying na escola; no entanto, 7 alunos (33,33%) foram vítimas de Bullying por 1 ou 2 vezes. Foste vítima de Bullying na escola nos últimos seis meses?

Foste vítima de Bullying na escola nos últimos seis meses?

80,00%

15

60,00%

10

40,00%

5

20,00% 0,00%

0 Não

Sim, uma ou duas vezes

Sim, duas ou três vezes por mês

Sim, todas as semanas

21 respostas

Sim, todos os dias

N.º %

0 0,00

Básico

Sim, todos os dias

Sim, todas as semanas 0 0,00

Não

Sim, uma ou duas vezes

Sim, 2 ou 3 vezes por mês 0 0,00

Sim, duas ou três vezes por mês

Sim, todas as semanas

Sim, todos os dias

Sim, 1 ou 2 vezes

Não

7 33,33

14 66,67

No Ensino Secundário, nos últimos seis meses, 47 alunos (94,00%) não sofreram Bullying na escola; no entanto, 1 aluno (2,00%) foi vítima de Bullying por 1 ou 2 vezes, outro (2,00%) foi-o 2 ou 3 vezes por mês e outro (2,00%) todas as semanas.

Violência Escolar

Página 31


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Foste vítima de Bullying na escola nos últimos seis meses?

Foste vítima de Bullying na escola nos últimos seis meses? 100,00%

50 40

80,00%

30

60,00%

20

40,00%

10

20,00%

0

0,00% Não

Sim, uma ou duas vezes

Sim, duas ou três vezes por mês

Sim, todas as semanas

Sim, todos os dias

Sim, todos os dias 0 0,00

Secundário 50 respostas

N.º %

Não

Sim, todas as semanas 1 2,00

Sim, 2 ou 3 vezes por mês 1 2,00

Sim, uma ou duas vezes

Sim, duas ou Sim, todas as três vezes por semanas mês

Sim, todos os dias

Sim, 1 ou 2 vezes

Não

1 2,00

47 94,00

3.7.- Quanto tempo durou essa situação? 13 alunos (34,21%) referiram uma duração de 1 ou 2 semanas, 3 (7,89%) uma duração de 1 mês, 10 (26,32%) uma duração de vários meses, 6 (15,79%) uma duração de 1 ano e outros 6 (15,79%) de vários anos. Quanto tempo durou essa situação?

Quanto tempo durou essa situação?

Vários anos

Vários anos

Um ano

Um ano

Vários meses

Vários meses

Um mês

Um mês

Uma ou duas semanas

Uma ou duas semanas 0

2

Total 38 respostas

N.º %

4

6

8

10

12

1 ou 2 semanas 13 34,21

14

0,00%

5,00%

Vários meses 10 26,32

1 mês 3 7,89

10,00% 15,00% 20,00% 25,00% 30,00% 35,00%

Vários anos 6 15,79

1 ano 6 15,79

No Ensino Básico, 11 (57,89%) mencionaram uma duração de 1 ou 2 semanas, 2 (10,53%) uma duração de 1 mês, 2 (10,53%) uma duração de vários meses, 3 (15,79%) uma duração de 1 ano e 1 (5,26%) de vários anos. Quanto tempo durou essa situação?

Quanto tempo durou essa situação?

60,00% 50,00% 40,00% 30,00% 20,00% 10,00% 0,00%

12 10 8 6 4 2 0 Uma ou duas semanas

Um mês

Vários meses

Violência Escolar

Um ano

Vários anos

Uma ou duas semanas

Um mês

Vários meses

Um ano

Vários anos

Página 32


Escola Secundária de Barcelinhos

1 ou 2 semanas 11 57,89

Básico 19 respostas

N.º %

Ano Letivo 2017/2018

Vários meses 2 10,53

1 mês 2 10,53

Vários anos 1 5,26

1 ano 3 15,79

No Ensino Secundário, 2 (10,53%) aludiram a uma duração de 1 ou 2 semanas, 1 (5,26%) a uma duração de 1 mês, 8 (42,11%) a uma duração de vários meses, 3 (15,79%) a uma duração de 1 ano e 5 (26,32%) de vários anos. Quanto tempo durou essa situação?

Quanto tempo durou essa situação? 45,00% 40,00% 35,00% 30,00% 25,00% 20,00% 15,00% 10,00% 5,00% 0,00%

8

7 6 5 4

3 2 1 0 Uma ou duas semanas

Um mês

Vários meses

Um ano

Vários anos

1 ou 2 semanas 2 10,53

Secundário 19 respostas

N.º %

1 mês 1 5,26

Uma ou duas semanas

Um mês

Vários meses 8 42,11

Vários meses

Um ano

Vários anos

1 ano

Vários anos

3 15,79

5 26,32

3.8.- Disseste alguma vez a alguém que foste vítima de Bullying? 46 alunos (65,71%) comunicaram que tinham sido vítimas de Bullying, e 24 (34,29%) não o fizeram. Disseste alguma vez a alguém que foste vítima de Bullying?

Disseste alguma vez a alguém que foste vítima de Bullying?

Não

Não

Sim

Sim

0

10

20

Total 70 respostas

N.º %

30

40

50

0,00%

10,00%

20,00%

30,00%

40,00%

50,00%

Sim

Não

46 65,71

24 34,29

60,00%

70,00%

No Ensino Básico, 15 alunos (71,43%) comunicaram que tinham sido vítimas de Bullying, e 6 (28,57%) não o fizeram.

Violência Escolar

Página 33


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Disseste alguma vez a alguém que foste vítima de Bullying?

Disseste alguma vez a alguém que foste vítima de Bullying?

100,00%

15 10

50,00%

5

0,00%

0 Sim

Sim

Não

Básico 21 respostas

N.º %

Não

Sim

Não

15 71,43

6 28,57

No Ensino Secundário, 31 alunos (63,27%) comunicaram que tinham sido vítimas de Bullying, e 18 (36,73%) não o fizeram. Disseste alguma vez a alguém que foste vítima de Bullying?

Disseste alguma vez a alguém que foste vítima de Bullying?

70,00%

35 30 25 20 15 10 5 0

60,00% 50,00% 40,00% 30,00% 20,00% 10,00% 0,00% Sim

Sim

Não

Secundário 49 respostas

N.º %

Não

Sim

Não

31 63,27

18 36,73

3.9.- A quem contaste? 9 alunos (11,39%) falaram da sua situação a uma professora e/ou professor, 3 (3,80%) a um adulto da escola que não a professora ou professor, 31 (39,24%) ao Pai e/ou à Mãe, 11 (13,92%) a um irmã e/ou irmão, 17 (21,52%) a uma amiga e/ou amigo, 5 (6,33%) a um familiar adulto e 3 (3,80%) a outra pessoa. A quem contaste?

A quem contaste?

Outra pessoa

Outra pessoa

Familiar adulto

Familiar adulto

Amiga e / ou Amigo

Amiga e / ou Amigo

Irmã e / ou Irmão

Irmã e / ou Irmão Mãe e / ou Pai

Mãe e / ou Pai

Outro adulto da escola que não a professora ou …

Outro adulto da escola que não a professora ou o …

Professora / Professor

Professora / Professor

0

Violência Escolar

5

10

15

20

25

30

35

0,00%5,00%10,00%15,00%20,00% 25,00% 3 0,00% 3 5,00% 40,00%

Página 34


Escola Secundária de Barcelinhos

Total 79 respostas

N.º %

Professora e/ou Professor

Adulto da escola que não professora ou professor

9 11,39

3 3,80

Ano Letivo 2017/2018

Mãe e/ou Pai

Irmã e/ou Irmão

Amiga e/ou Amigo

Familiar adulto

Outra pesso a

31

11

39,24

13,92

17 21,52

5 6,33

3 3,80

No Ensino Básico, 5 alunos (16,13%) falaram da sua situação a uma professora e/ou professor, 2 (6,45%) a um adulto da escola que não a professora ou professor, 12 (38,71%) ao Pai e/ou à Mãe, 5 (16,13%) a uma irmã e/ou irmão, 3 (9,68%) a uma amiga e/ou amigo, 3 (9,68%) a um familiar adulto e 1 (3,23%) a outra pessoa. A quem contaste?

A quem contaste?

31 respostas

N.º %

Professora e/ou Professor

Adulto da escola que não professora ou professor

5 16,13

2 6,45

Mãe e/ou Pai

Outra pessoa

Familiar adulto

Amiga e / ou Amigo

Irmã e / ou Irmão

Outro adulto da escola que não a professora ou o professor

Outra pessoa

Familiar adulto

Amiga e / ou Amigo

Irmã e / ou Irmão

Mãe e / ou Pai

Outro adulto da escola que não a professora ou o professor

Professora / Professor

Básico

Professora / Professor

5 0

Mãe e / ou Pai

40,00% 30,00% 20,00% 10,00% 0,00%

15 10

Irmã e/ou Irmão

Amiga e/ou Amigo

Familiar adulto

Outra pesso a

12

5

38,71

16,13

3 9,68

3 9,68

1 3,23

No Ensino Secundário, 4 alunos (8,33%) falaram da sua situação a uma professora e/ou professor, 1 (2,08%) a um adulto da escola que não a professora ou professor, 19 (39,58%) ao Pai e/ou à Mãe, 6 (12,50%) a uma irmã e/ou irmão, 14 (29,17%) a uma amiga e/ou amigo, 2 (4,17%) a um familiar adulto e 2 (4,17%) a outra pessoa. A quem contaste?

A quem contaste?

48 respostas

N.º %

Professora e/ou Professor

Adulto da escola que não professora ou professor

4 8,33

1 2,08

Violência Escolar

Outra pessoa

Familiar adulto

Amiga e / ou Amigo

Irmã e / ou Irmão

Mãe e / ou Pai

Outro adulto da escola que não a professora ou o professor

Outra pessoa

Familiar adulto

Amiga e / ou Amigo

Irmã e / ou Irmão

Mãe e / ou Pai

Outro adulto da escola que não a professora ou o professor

Professora / Professor

Secundário

Professora / Professor

40,00% 35,00% 30,00% 25,00% 20,00% 15,00% 10,00% 5,00% 0,00%

20 18 16 14 12 10 8 6 4 2 0

Mãe e/ou Pai

Irmã e/ou Irmão

Amiga e/ou Amigo

Familiar adulto

Outra pesso a

19

6

39,58

12,50

14 29,17

2 4,17

2 4,17

Página 35


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

3.10.- Quando foste vítima de Bullying os teus pais contactaram a escola? 13 alunos (19,70%) confirmaram que os pais se dirigiram à escola 1 vez, 19 (28,79%) afirmaram que os pais se dirigiram à escola várias vezes e em 34 situações (51,52%) os pais não se dirigiram à escola. Quando foste vítima de Bullying os teus pais contactaram a escola?

Quando foste vítima de Bullying os teus pais contactaram a escola?

Não

Não

Sim, várias vezes

Sim, várias vezes

Sim, uma vez

Sim, uma vez 0

Total 66 respostas

5

10

15

20

25

30

35

0,00%

10,00%

20,00%

30,00%

40,00%

50,00%

Sim, 1 vez

Sim, várias vezes

Não

13 19,70

19 28,79

34 51,52

N.º %

60,00%

No Ensino Básico, 6 alunos (30,00%) confirmaram que os pais se dirigiram à escola 1 vez, 4 (20,00%) afirmaram que os pais se dirigiram à escola várias vezes e em 10 situações (50,00%) os pais não se dirigiram à escola. Quando foste vítima de Bullying os teus pais contactaram a escola?

Quando foste vítima de Bullying os teus pais contactaram a escola?

50,00%

10 8

40,00%

6

30,00%

4

20,00%

2

10,00% 0,00%

0 Sim, uma vez

Básico 20 respostas

Sim, várias vezes

Sim, uma vez

Não

Sim, várias vezes

Não

Sim, 1 vez

Sim, várias vezes

Não

6 30,00

4 20,00

10 50,00

N.º %

No Ensino Secundário, 7 alunos (15,22%) confirmaram que os pais se dirigiram à escola 1 vez, 15 (32,61%) afirmaram que os pais se dirigiram à escola várias vezes e em 24 situações (52,17%) os pais não se dirigiram à escola. Quando foste vítima de Bullying os teus pais contactaram a escola?

Quando foste vítima de Bullying os teus pais contactaram a escola?

25

60,00%

20

50,00% 40,00%

15

30,00%

10

20,00%

5

10,00% 0,00%

0 Sim, uma vez

Sim, várias vezes

Violência Escolar

Não

Sim, uma vez

Sim, várias vezes

Não

Página 36


Escola Secundária de Barcelinhos

Secundário 46 respostas

Ano Letivo 2017/2018

Sim, 1 vez

Sim, várias vezes

Não

7 15,22

15 32,61

24 52,17

N.º %

3.11.- Alguma vez foste vítima de Cyberbullying? 9 alunos (2,05%) já foram vítimas de Cyberbullying e 430 (97,95%) nunca viveram essa situação. Alguma vez foste vítima de Ciberbullying?

Alguma vez foste vítima de Ciberbullying?

Não

Não

Sim

Sim

0

100

200

300

400

Total 439 respostas

N.º %

500

0,00%

20,00%

40,00%

60,00%

80,00%

Sim

Não

9 2,05

430 97,95

100,00%

No Ensino Básico, 2 alunos (1,39%) já foram vítimas de Cyberbullying e 142 (98,61%) nunca viveram essa situação. Alguma vez foste vítima de Ciberbullying?

Alguma vez foste vítima de Ciberbullying?

100,00%

150 100

50,00%

50

0,00%

0 Sim

Básico 144 respostas

N.º %

Sim

Não

Não

Sim

Não

2 1,39

142 98,61

No Ensino Secundário, 7 alunos (2,37%) já foram vítimas de Cyberbullying e 295 (97,63%) nunca viveram essa situação.

Violência Escolar

Página 37


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Alguma vez foste vítima de Ciberbullying?

Alguma vez foste vítima de Ciberbullying?

100,00%

300 250

80,00%

200

60,00%

150

40,00%

100

20,00%

50

0,00%

0 Sim

Não

Sim

Secundário 144 respostas

N.º %

Não

Sim

Não

7 2,37

288 97,63

3.12.- Em que altura foste vítima de Cyberbullying? 3 (33,33%) afirmaram ter sido no 2.º Ciclo, 2 (22,22%) declararam ter sido no 3.º Ciclo e 4 (44,44%) no Ensino Secundário. Em que altura foste vítima de Ciberbullying?

Em que altura foste vítima de Ciberbullying?

Secundário

Secundário

3.º Ciclo

3.º Ciclo

2.º Ciclo

2.º Ciclo

1.º Ciclo

1.º Ciclo 0

0,5

1

1,5

2

2,5

Total 9 respostas

N.º %

3

3,5

4

0,00% 5,00% 10,00% 15,00% 20,00% 25,00% 30,00% 35,00% 40,00% 45,00%

1.º Ciclo

2.º Ciclo

3.º Ciclo

Secundário

0 0,00

3 33,33

2 22,22

4 44,44

No Ensino Básico, 1 aluno (50,00%) sofreram Cyberbullying no 2.º Ciclo e 1 (50,00%) no 3.º Ciclo. Em que altura foste vítima de Ciberbullying?

Em que altura foste vítima de Ciberbullying?

60,00%

1

40,00%

0,5

20,00% 0,00%

0 1.º Ciclo

2.º Ciclo

Básico 2 respostas

N.º %

Violência Escolar

3.º Ciclo

1.º Ciclo

Secundário

2.º Ciclo

3.º Ciclo

Secundário

1.º Ciclo

2.º Ciclo

3.º Ciclo

0 0,00

1 50,00

1 50,00

Página 38


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

No Ensino Secundário, 2 alunos (28,57%) sofreram Cyberbullying no 2.º Ciclo, 1 (14,29%) afirmou ter sido no 3.º Ciclo e 4 (57,14%) no Ensino Secundário. Em que altura foste vítima de Ciberbullying?

Em que altura foste vítima de Ciberbullying? 60,00%

4 3,5

50,00%

3

40,00%

2,5

30,00%

2 1,5

20,00%

1

10,00%

0,5 0

0,00% 1.º Ciclo

2.º Ciclo

3.º Ciclo

Secundário

Secundário 7 respostas

1.º Ciclo

2.º Ciclo

3.º Ciclo

Secundário

1.º Ciclo

2.º Ciclo

3.º Ciclo

Secundário

0 0,00

2 28,57

1 14,29

4 57,14

N.º %

3.13.- Foste vítima de Cyberbullying na escola nos últimos dois meses? 7 alunos (70,00%) não sofreram Cyberbullying na escola neste período de tempo; no entanto, 3 alunos (30,00%) foram vítimas de Cyberbullying por 1 ou 2 vezes. Foste vítima de Ciberbullying na escola nos últimos dois meses?

Foste vítima de Ciberbullying na escola nos últimos dois meses?

Sim, todos os dias

Sim, todos os dias

Sim, todas as semanas

Sim, todas as semanas

Sim, duas ou três vezes por mês

Sim, duas ou três vezes por mês

Sim, uma ou duas vezes

Sim, uma ou duas vezes

Não

Não 0

1

2

3

4

10 respostas

Sim, todos os dias

N.º %

0 0,00

Total

5

6

7

Sim, todas as semanas 0 0,00

0,00% 10,00% 20,00% 30,00% 40,00% 50,00% 60,00% 70,00%

Sim, 2 ou 3 vezes por mês 0 0,00

Sim, 1 ou 2 vezes

Não

3 30,00

7 70,00

No Ensino Básico, nos últimos dois meses, 2 alunos (66,67%) não sofreram Bullying na escola; no entanto, 1 aluno (33,33%) foi vítima de Cyberbullying por 1 ou 2 vezes. Foste vítima de Ciberbullying na escola nos últimos dois meses?

Foste vítima de Ciberbullying na escola nos últimos dois meses?

2

80,00%

1,5

60,00%

1

40,00%

0,5

20,00% 0,00%

0

Não

Sim, uma ou duas vezes

Sim, duas ou três vezes por mês

Violência Escolar

Sim, todas as semanas

Sim, todos os dias

Não

Sim, uma ou duas vezes

Sim, duas ou três vezes por mês

Sim, todas as semanas

Sim, todos os dias

Página 39


Escola Secundária de Barcelinhos

3 respostas

Sim, todos os dias

N.º %

0 0,00

Básico

Sim, todas as semanas 0 0,00

Ano Letivo 2017/2018

Sim, 2 ou 3 vezes por mês 0 0,00

Sim, 1 ou 2 vezes

Não

1 33,33

2 66,67

No Ensino Secundário, nos últimos dois meses, 5 alunos (71,43%) não sofreram Cyberbullying na escola; no entanto, 2 alunos (28,57%) foram vítimas de Cyberbullying por 1 ou 2 vezes. Foste vítima de Ciberbullying na escola nos últimos dois meses?

Foste vítima de Ciberbullying na escola nos últimos dois meses? 80,00% 70,00% 60,00% 50,00% 40,00% 30,00% 20,00% 10,00% 0,00%

5 4 3 2 1

0 Não

Sim, uma ou duas vezes

Sim, duas ou três vezes por mês

Sim, todas as semanas

Sim, todos os dias 0 0,00

Secundário 7 respostas

N.º %

Não

Sim, todos os dias

Sim, todas as semanas 0 0,00

Sim, 2 ou 3 vezes por mês 0 0,00

Sim, uma ou duas vezes

Sim, duas ou Sim, todas as três vezes por semanas mês

Sim, todos os dias

Sim, 1 ou 2 vezes

Não

2 28,57

5 71,43

3.14.- Quanto tempo durou essa situação? 3 alunos (50,00%) atribuiram uma duração de 1 ou 2 semanas e 3 (50,00%) atribuiram uma duração de vários meses. Quanto tempo durou essa situação?

Quanto tempo durou essa situação?

Vários anos

Vários anos

Um ano

Um ano

Vários meses

Vários meses

Um mês

Um mês

Uma ou duas semanas

Uma ou duas semanas 0

Total 6 respostas

N.º %

0,5

1

1,5

1 ou 2 semanas 3 50,00

2

2,5

3

1 mês 0 0,00

0,00%

Vários meses 3 50,00

10,00%

20,00%

1 ano 0 0,00

30,00%

40,00%

50,00%

Vários anos 0 0,00

No Ensino Básico, 1 aluno (50,00%) atribuiu uma duração de 1 ou 2 semanas e 1 (50,00%) atribuiu uma duração de vários meses.

Violência Escolar

Página 40


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Quanto tempo durou essa situação?

Quanto tempo durou essa situação?

50,00%

1

0,8

40,00%

0,6

30,00%

0,4

20,00%

0,2

10,00% 0,00%

0 Uma ou duas semanas

Um mês

Vários meses

Um ano

1 ou 2 semanas 1 50,00

Básico 2 respostas

N.º %

Uma ou duas semanas

Vários anos

Um mês

Vários meses 1 50,00

1 mês 0 0,00

Vários meses

Um ano

Vários anos

Vários anos 0 0,00

1 ano 0 0,00

No Ensino Secundário, 2 alunos (50,00%) atribuiram uma duração de 1 ou 2 semanas e 2 (50,00%) atribuiram uma duração de vários meses. Quanto tempo durou essa situação?

Quanto tempo durou essa situação? 50,00% 45,00% 40,00% 35,00% 30,00% 25,00% 20,00% 15,00% 10,00% 5,00% 0,00%

2 1,8 1,6 1,4 1,2 1 0,8 0,6 0,4 0,2 0 Uma ou duas semanas

Um mês

Vários meses

Um ano

Vários anos

1 ou 2 semanas 2 50,00

Secundário 4 respostas

N.º %

Uma ou duas semanas

1 mês 0 0,00

Vários meses 2 50,00

Um mês

Vários meses

Um ano

Vários anos

1 ano

Vários anos

0 0,00

0 0,00

3.15.- Disseste alguma vez a alguém que foste vítima de Cyberbullying? 7 alunos (77,78%) comunicaram que tinham sido vítimas de Cyberbullying, e 2 (22,22%) não o fizeram. Disseste alguma vez a alguém que foste vítima de Ciberbullying?

Disseste alguma vez a alguém que foste vítima de Ciberbullying?

Não

Não

Sim

Sim

0

1

2

3

Total 9 respostas

N.º %

Violência Escolar

4

5

6

7

0,00% 10,00% 20,00% 30,00% 40,00% 50,00% 60,00% 70,00% 80,00%

Sim

Não

7 77,78

2 22,22 Página 41


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

No Ensino Básico, 2 alunos (100,00%) comunicaram que tinham sido vítimas de Cyberbullying. Disseste alguma vez a alguém que foste vítima de Ciberbullying?

Disseste alguma vez a alguém que foste vítima de Ciberbullying?

2

100,00%

1

50,00% 0,00%

0 Sim

Sim

Não

Básico 2 respostas

N.º %

Não

Sim

Não

2 100,00

0 0,00

No Ensino Secundário, 5 alunos (71,43%) comunicaram que tinham sido vítimas de Cyberbullying, e 2 (28,57%) não o fizeram. Disseste alguma vez a alguém que foste vítima de Ciberbullying?

Disseste alguma vez a alguém que foste vítima de Ciberbullying?

5

80,00%

4

60,00%

3

40,00%

2 20,00%

1

0,00%

0 Sim

Sim

Não

Secundário 7 respostas

N.º %

Não

Sim

Não

5 71,43

2 28,57

3.16.- A quem contaste? 1 aluno (7,69%) falou da sua situação a uma professora e/ou professor, 6 (46,15%) ao Pai e/ou à Mãe, 3 (23,08%) a uma irmã e/ou irmão, 2 (15,38%) a uma amiga e/ou amigo e 1 (7,69%) a um familiar adulto. A quem contaste?

A quem contaste?

Outra pessoa

Outra pessoa

Familiar adulto

Familiar adulto

Amiga e / ou Amigo

Amiga e / ou Amigo

Irmã e / ou Irmão

Irmã e / ou Irmão Mãe e / ou Pai

Mãe e / ou Pai

Outro adulto da escola que não a professora ou …

Outro adulto da escola que não a professora ou o …

Professora / Professor

Professora / Professor 0

Violência Escolar

1

2

3

4

5

6

0,00% 10,00% 20,00% 30,00% 40,00% 50,00%

Página 42


Escola Secundária de Barcelinhos

Total 113 respostas

N.º %

Professora e/ou Professor

Adulto da escola que não professora ou professor

1 7,69

0 0,00

Ano Letivo 2017/2018

Mãe e/ou Pai

Irmã e/ou Irmão

Amiga e/ou Amigo

Familiar adulto

Outra pesso a

6

3

46,15

23,08

2 15,38

1 7,69

0 0,00

No Ensino Básico, 1 aluno (33,33%) falou da sua situação ao Pai e/ou à Mãe, 1 (33,33%) a uma irmã e/ou irmão e 1 (33,33%) a uma amiga e/ou amigo. A quem contaste?

A quem contaste?

3 respostas

N.º %

Adulto da escola que não professora ou professor

0 0,00

0 0,00

Outra pessoa

Familiar adulto

Amiga e / ou Amigo

Irmã e / ou Irmão

Outro adulto da escola que não a professora ou o professor

Professora / Professor

Outra pessoa

Familiar adulto

Amiga e / ou Amigo

Irmã e / ou Irmão

Mãe e / ou Pai

Outro adulto da escola que não a professora ou o professor

Professora / Professor

Básico

Professora e/ou Professor

Mãe e / ou Pai

40,00% 30,00% 20,00% 10,00% 0,00%

1 0,8 0,6 0,4 0,2 0

Mãe e/ou Pai

Irmã e/ou Irmão

Amiga e/ou Amigo

Familiar adulto

Outra pesso a

1

1

33,33

33,33

1 33,33

0 0,00

0 0,00

No Ensino Secundário, 1 aluno (10,00%) falou da sua situação a uma professora e/ou professor, 5 (50,00%) ao Pai e/ou à Mãe, 2 (20,00%) a uma irmã e/ou irmão, 1 (10,00%) a uma amiga e/ou amigo e 1 (10,00%) a um familiar adulto. A quem contaste?

A quem contaste?

10 respostas

Adulto da escola que não professora ou professor

1 10,00

Violência Escolar

Outra pessoa

Familiar adulto

Amiga e / ou Amigo

Irmã e / ou Irmão

Mãe e / ou Pai

Professora / Professor

Outra pessoa

Familiar adulto

Professora e/ou Professor

N.º %

Amiga e / ou Amigo

Irmã e / ou Irmão

Mãe e / ou Pai

Outro adulto da escola que não a professora ou o professor

Professora / Professor

Secundário

Outro adulto da escola que não a professora ou o professor

50,00% 45,00% 40,00% 35,00% 30,00% 25,00% 20,00% 15,00% 10,00% 5,00% 0,00%

5 4,5 4 3,5 3 2,5 2 1,5 1 0,5 0

Mãe e/ou Pai

Irmã e/ou Irmão

Amiga e/ou Amigo

Familiar adulto

Outra pesso a

0

5

2

1

1

0

0,00

50,0 0

20,00

10,00

10,00

0,00

Página 43


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

3.17.- Quando foste vítima de Cyberbullying os teus pais contactaram a escola? 1 aluno (11,11%) confirmou que os pais se dirigiram à escola 1 vez, 3 (33,33%) afirmaram que os pais se dirigiram à escola várias vezes e em 5 situações (55,56%) os pais não se dirigiram à escola. Quando foste vítima de Ciberbullying os teus pais contactaram a escola?

Quando foste vítima de Ciberbullying os teus pais contactaram a escola?

Não

Não

Sim, várias vezes

Sim, várias vezes

Sim, uma vez

Sim, uma vez 0

Total 9 respostas

1

2

3

4

5

0,00%

10,00%

20,00%

30,00%

40,00%

50,00%

Sim, 1 vez

Sim, várias vezes

Não

1 11,11

3 33,33

5 55,56

N.º %

60,00%

No Ensino Básico, 1 aluno (50,00%) confirmou que os pais se dirigiram à escola várias vezes e em 1 situação (50,00%) os pais não se dirigiram à escola. Quando foste vítima de Ciberbullying os teus pais contactaram a escola?

Quando foste vítima de Ciberbullying os teus pais contactaram a escola?

50,00%

1 0,8

40,00%

0,6

30,00%

0,4

20,00%

0,2

10,00% 0,00%

0 Sim, uma vez

Básico 2 respostas

Sim, várias vezes

Sim, uma vez

Não

Sim, várias vezes

Não

Sim, 1 vez

Sim, várias vezes

Não

0 0,00

1 50,00

1 50,00

N.º %

No Ensino Secundário, 1 aluno (14,29%) confirmaram que os pais se dirigiram à escola 1 vez, 2 (28,57%) afirmaram que os pais se dirigiram à escola várias vezes e em 4 situações (57,14%) os pais não se dirigiram à escola. Quando foste vítima de Ciberbullying os teus pais contactaram a escola?

Quando foste vítima de Ciberbullying os teus pais contactaram a escola? 60,00%

4 3,5 3 2,5 2 1,5 1 0,5 0

50,00% 40,00%

30,00% 20,00%

10,00% 0,00% Sim, uma vez

Sim, várias vezes

Violência Escolar

Não

Sim, uma vez

Sim, várias vezes

Não

Página 44


Escola Secundária de Barcelinhos

Secundário 7 respostas

Ano Letivo 2017/2018

Sim, 1 vez

Sim, várias vezes

Não

1 14,29

2 28,57

4 57,14

N.º %

3.18.- Os professores e / ou os adultos da escola separam os alunos quando há situações de Bullying? 129 alunos (29,79%) afirmaram que essa situação acontece sempre, 83 (19,17%) referiram que a situação acontece frequentemente, 128 (29,56%) confirmaram que isso acontece por vezes, 42 (9,70%) declararam que quase nunca acontece e em 51 situações (11,78%) essa separação nunca surgiu. Os professores e / ou os adultos da escola separam os alunos quando há situações de Bullying?

Os professores e / ou os adultos da escola separam os alunos quando há situações de Bullying?

Nunca

Nunca

Quase nunca

Quase nunca

Por vezes

Por vezes

Frequentemente

Frequentemente

Sempre

Sempre

0

Total 433 respostas

N.º %

20

40

60

80

100

120

140

0,00%

5,00%

Sempre

Frequentemente

Por vezes

129 29,79

83 19,17

128 29,56

10,00%

15,00%

Quase nunca 42 9,70

20,00%

25,00%

30,00%

Nunca 51 11,78

No Ensino Básico, 56 alunos (38,89%) afirmaram que essa situação acontece sempre, 32 (22,22%) referiram que a situação acontece frequentemente, 30 (20,83%) confirmaram que isso acontece por vezes, 7 (4,86%) declararam que quase nunca acontece e em 19 situações (13,19%) essa separação nunca surgiu. Os professores e / ou os adultos da escola separam os alunos quando há situações de Bullying?

Os professores e / ou os adultos da escola separam os alunos quando há situações de Bullying? 40,00% 30,00% 20,00% 10,00% 0,00%

60 40 20 0

Básico 144 respostas

N.º %

Sempre

Frequentemente

Por vezes

56 38,89

32 22,22

30 20,83

Quase nunca 7 4,86

Nunca 19 13,19

No Ensino Secundário, 73 alunos (25,26%) afirmaram que essa situação acontece sempre, 51 (17,65%) referiram que a situação acontece frequentemente, 98 (33,91%)

Violência Escolar

Página 45


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

confirmaram que isso acontece por vezes, 35 (12,11%) declararam que quase nunca acontece e em 32 situações (11,07%) essa separação nunca surgiu. Os professores e / ou os adultos da escola separam os alunos quando há situações de Bullying?

Os professores e / ou os adultos da escola separam os alunos quando há situações de Bullying? 35,00% 30,00% 25,00% 20,00% 15,00% 10,00% 5,00% 0,00%

100 80 60 40 20 0

Secundário 289 respostas

N.º %

Sempre

Frequentemente

Por vezes

73 25,26

51 17,65

98 33,91

Quase nunca 35 12,11

Nunca 32 11,07

3.19.- Os alunos ajudam outros alunos vítimas de Bullying? 82 alunos (18,81%) afirmaram que essa situação acontece sempre, 130 (29,82%) referiram que a situação acontece frequentemente, 175 (40,14%) confirmaram que isso acontece por vezes, 39 (8,94%) declararam que quase nunca acontece e em 10 situações (2,29%) essa ajuda nunca surgiu. Os alunos ajudam outros alunos vítimas de Bullying?

Os alunos ajudam outros alunos vítimas de Bullying?

Nunca

Nunca

Quase nunca

Quase nunca

Por vezes

Por vezes

Frequentemente

Frequentemente

Sempre

Sempre 0

20

Total 436 respostas

N.º %

40

60

80

100

120

140

160

180

0,00% 5,00% 10,00% 15,00% 20,00% 25,00% 30,00% 35,00% 40,00% 45,00%

Sempre

Frequentemente

Por vezes

82 18,81

130 29,82

175 40,14

Quase nunca 39 8,94

Nunca 10 2,29

No Ensino Básico, 33 alunos (22,92%) afirmaram que essa situação acontece sempre, 39 (27,08%) referiram que a situação acontece frequentemente, 56 (38,89%) confirmaram que isso acontece por vezes, 12 (8,33%) declararam que quase nunca acontece e em 4 situações (2,78%) essa ajuda nunca surgiu.

Violência Escolar

Página 46


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Os alunos ajudam outros alunos vítimas de Bullying?

Os alunos ajudam outros alunos vítimas de Bullying?

40,00% 30,00% 20,00% 10,00% 0,00%

60 40 20 0

Básico 144 respostas

N.º %

Sempre

Frequentemente

Por vezes

33 22,92

39 27,08

56 38,89

Quase nunca 12 8,33

Nunca 4 2,78

No Ensino Secundário, 49 alunos (16,78%) afirmaram que essa situação acontece sempre, 91 (31,16%) referiram que a situação acontece frequentemente, 119 (40,75%) confirmaram que isso acontece por vezes, 27 (9,25%) declararam que quase nunca acontece e em 6 situações (2,05%) essa ajuda nunca surgiu. Os alunos ajudam outros alunos vítimas de Bullying?

Os alunos ajudam outros alunos vítimas de Bullying? 45,00% 40,00% 35,00% 30,00% 25,00% 20,00% 15,00% 10,00% 5,00% 0,00%

120 100 80 60 40 20 0

Secundário 292 respostas

N.º %

Sempre

Frequentemente

Por vezes

49 16,78

91 31,16

119 40,75

Quase nunca 27 9,25

Nunca 6 2,05

3.20.- O que sentes quando vês uma/um colega a ser vítima de Bullying? 14 alunos (3,04%) sentem que essa pessoa talvez tenha feito alguma coisa para merecer, 6 (1,30%) não sentem nada, 27 (5,86%) sentem um pouco de pena, 143 (31,02%) sentem muita pena e querem ajudar, 51 (11,06%) sentem-se revoltadas/os, mas não ajudam e 220 (47,72%) sentem-se revoltadas/os e ajudam a vítima a defender-se.

Violência Escolar

Página 47


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

O que sentes quando vês uma / um colega a ser vítima de Bullying?

O que sentes quando vês uma / um colega a ser vítima de Bullying?

Sinto-me revoltada / o e ajudo a vítima a …

Sinto-me revoltada / o e ajudo a vítima a …

Sinto-me revoltada / o, mas não ajudo

Sinto-me revoltada / o, mas não ajudo

Sinto muita pena e quero ajudar

Sinto muita pena e quero ajudar

Sinto um pouco de pena

Sinto um pouco de pena

Não sinto nada

Não sinto nada

Sinto que essa pessoa talvez tenha feito alguma …

Sinto que essa pessoa talvez tenha feito …

0

Total 461 respostas

N.º %

50

100

150

200

250

0,00%

10,00%

20,00% 30,00% 40,00% 50,00%

Sinto que essa pessoa talvez tenha feito alguma coisa para merecer

Não sinto nada

Sinto um pouco de pena

Sinto muita pena e quero ajudar

Sinto-me revoltada/o, mas não ajudo

Sinto-me revoltada/o e ajudo a vítima a defender-se

14 3,04

6 1,30

27 5,86

143 31,02

51 11,06

220 47,72

No Ensino Básico, 6 alunos (3,80%) sentem que essa pessoa talvez tenha feito alguma coisa para merecer, 1 (0,63%) não sente nada, 11 (6,96%) sentem um pouco de pena, 65 (41,14%) sentem muita pena e querem ajudar, 20 (12,66%) sentem-se revoltadas/os, mas não ajudam e 55 (34,81%) sentem-se revoltadas/os e ajudam a vítima a defender-se. O que sentes quando vês uma / um colega a ser vítima de Bullying?

O que sentes quando vês uma / um colega a ser vítima de Bullying?

158 respostas

N.º %

Sinto-me revoltada / o e ajudo a vítima a defender-se

Sinto-me revoltada / o, mas não ajudo

Sinto muita pena e quero ajudar

Sinto um pouco de pena

Não sinto nada

Sinto-me revoltada / o e ajudo a vítima a defender-se

Sinto-me revoltada / o, mas não ajudo

Sinto muita pena e quero ajudar

Sinto um pouco de pena

Não sinto nada

Sinto que essa pessoa talvez tenha feito alguma coisa para…

Básico

Sinto que essa pessoa talvez tenha feito alguma coisa para …

60,00% 40,00% 20,00% 0,00%

80 60 40 20 0

Sinto que essa pessoa talvez tenha feito alguma coisa para merecer.

Não sinto nada.

Sinto um pouco de pena

Sinto muita pena e quero ajudar

Sinto-me revoltada/o, mas não ajudo

Sinto-me revoltada/o e ajudo a vítima a defender-se

6 3,80

1 0,63

11 6,96

65 41,14

20 12,66

55 34,81

No Ensino Secundário, 8 alunos (2,64%) sentem que essa pessoa talvez tenha feito alguma coisa para merecer, 5 (1,65%) não sentem nada, 16 (5,28%) sentem um pouco de pena, 78 (25,74%) sentem muita pena e querem ajudar, 31 (10,23%) sentem--se revoltadas/os, mas não ajudam e 165 (54,46%) sentem-se revoltadas/os e ajudam a vítima a defender-se.

Violência Escolar

Página 48


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

O que sentes quando vês uma / um colega a ser vítima de Bullying?

O que sentes quando vês uma / um colega a ser vítima de Bullying?

303 respostas

Sinto-me revoltada / o e ajudo a vítima a defender-se

Sinto-me revoltada / o, mas não ajudo

Sinto um pouco de pena

Não sinto nada

Sinto que essa pessoa talvez tenha feito alguma coisa para…

Sinto-me revoltada / o e ajudo a vítima a defender-se

Sinto-me revoltada / o, mas não ajudo

Sinto muita pena e quero ajudar

Sinto um pouco de pena

Não sinto nada

Sinto que essa pessoa talvez tenha feito alguma coisa para …

Secundário

Sinto muita pena e quero ajudar

60,00% 50,00% 40,00% 30,00% 20,00% 10,00% 0,00%

180 160 140 120 100 80 60 40 20 0

Sinto que essa pessoa talvez tenha feito alguma coisa para merecer.

Não sinto nada.

Sinto um pouco de pena

Sinto muita pena e quero ajudar

Sinto-me revoltada/o, mas não ajudo

Sinto-me revoltada/o e ajudo a vítima a defender-se

8 2,64

5 1,65

16 5,28

78 25,74

31 10,23

165 54,46

N.º %

3.21.- Já alguma vez foste violento com alguém fora da Escola? 68 alunos (15,32%) já foram violentos com alguém fora da Escola e 376 (84,68%) nunca o foram. Já alguma vez foste violento com alguém fora da Escola?

Já alguma vez foste violento com alguém fora da Escola?

Não

Não

Sim

Sim

0

50

100

150

200

250

300

Total 444 respostas

N.º %

350

400

0,00%

20,00%

40,00%

60,00%

Sim

Não

68 15,32

376 84,68

80,00%

100,00%

No Ensino Básico, 21 alunos (14,58%) já foram violentos com alguém fora da Escola e 123 (85,42%) nunca o foram. Já alguma vez foste violento com alguém fora da Escola?

Já alguma vez foste violento com alguém fora da Escola?

100,00%

150 100

50,00%

50

0,00%

0 Sim

Violência Escolar

Não

Sim

Não

Página 49


Escola Secundária de Barcelinhos

Básico 144 respostas

N.º %

Ano Letivo 2017/2018

Sim

Não

21 14,58

123 85,42

No Ensino Secundário, 47 alunos (15,67%) já foram violentos com alguém fora da Escola e 253 (84,33%) nunca o foram. Já alguma vez foste violento com alguém fora da Escola?

Já alguma vez foste violento com alguém fora da Escola?

100,00%

300 250

80,00%

200

60,00%

150

40,00%

100

20,00%

50 0

0,00% Sim

Sim

Não

Secundário 300 respostas

N.º %

Não

Sim

Não

47 15,67

253 84,33

3.22.- Quantas vezes aconteceu essa situação de violência? 38 alunos (56,72%) foram violentos 1 ou 2 vezes, 9 (13,43%) foram violentos 2 ou 3 vezes, 3 (4,48%) foram violentos 3 ou 4 vezes e 17 (25,37%) foram violentos muitas vezes. Quantas vezes aconteceu essa situação de violência?

Quantas vezes aconteceu essa situação de violência?

Muitas vezes

Muitas vezes

Três ou quatro vezes

Três ou quatro vezes

Duas ou três vezes

Duas ou três vezes

Uma ou duas vezes

Uma ou duas vezes 0

Total 67 respostas

5

10

15

20

25

30

35

40

0,00%

10,00%

20,00%

30,00%

40,00%

50,00%

60,00%

1 ou 2vezes

2 ou 3 vezes

3 ou 4 vezes

Muitas vezes

38 56,72

9 13,43

3 4,48

17 25,37

N.º %

No Ensino Básico, 13 alunos (65,00%) foram violentos 1 ou 2 vezes, 3 (15,00%) foram violentos 2 ou 3 vezes e 4 (20,00%) foram violentos muitas vezes.

Violência Escolar

Página 50


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Quantas vezes aconteceu essa situação de violência?

Quantas vezes aconteceu essa situação de violência?

80,00% 60,00% 40,00% 20,00% 0,00%

15 10 5 0 Uma ou duas vezes

Duas ou três vezes

Três ou quatro vezes

Básico 20 respostas

Uma ou duas vezes

Muitas vezes

Duas ou três vezes

Três ou quatro vezes

Muitas vezes

1 ou 2vezes

2 ou 3 vezes

3 ou 4 vezes

Muitas vezes

13 65,00

3 15,00

0 0,00

4 20,00

N.º %

No Ensino Secundário, 25 alunos (53,19%) foram violentos 1 ou 2 vezes, 6 (12,77%) foram violentos 2 ou 3 vezes, 3 (6,38%) foram violentos 3 ou 4 vezes e 13 (27,66%) foram violentos muitas vezes. Quantas vezes aconteceu essa situação de violência?

Quantas vezes aconteceu essa situação de violência?

25

60,00%

20

50,00%

40,00%

15

30,00%

10

20,00%

5

10,00% 0,00%

0 Uma ou duas vezes Duas ou três vezes

Secundário 47 respostas

Três ou quatro vezes

Muitas vezes

Uma ou duas vezes Duas ou três vezes

Três ou quatro vezes

Muitas vezes

1 ou 2vezes

2 ou 3 vezes

3 ou 4 vezes

Muitas vezes

25 53,19

6 12,77

3 6,38

13 27,66

N.º %

3.23.- De que forma foste violento com essa pessoa? 28 alunos (26,92%) chamaram nomes, 16 (15,38%) assustaram e meteram medo ao colega, 3 (2,88%) tiraram-lhe coisas, 31 (29,81%) bateram-lhe, 18 (17,31%) ignoraramno e não lhe falaram e 8 (7,69%) foram violentos de outra forma. De que forma foste violento com essa pessoa?

De que forma foste violento com essa pessoa?

Outra forma

Outra forma

Ignorei-o e não lhe falei

Ignorei-o e não lhe falei

Bati-lhe

Bati-lhe

Tirei-lhe coisas dele

Tirei-lhe coisas dele

Assustei-o e meti-lhe medo

Assustei-o e meti-lhe medo

Chamei-lhe nomes

Chamei-lhe nomes 0

5

10

Violência Escolar

15

20

25

30

35

0,00%

5,00%

10,00%

15,00%

20,00%

25,00%

30,00%

Página 51


Escola Secundária de Barcelinhos

Total 104 respostas

Ano Letivo 2017/2018

Chamei-lhe nomes

Assustei-o e meti-lhe medo

Tirei-lhe coisas dele

Bati-lhe

Ignorei-o e não lhe falei

Outra forma

28 26,92

16 15,38

3 2,88

31 29,81

18 17,31

8 7,69

N.º %

No Ensino Básico, 10 alunos (32,26%) chamaram nomes, 3 (9,68%) assustaram e meteram medo ao colega, 1 (3,23%) tirou-lhe coisas, 7 (22,58%) bateram-lhe, 8 (25,81%) ignoraram-no e não lhe falaram e 2 (6,45%) foram violentos de outra forma. De que forma foste violento com essa pessoa?

De que forma foste violento com essa pessoa?

40,00%

10

30,00% 20,00%

5

10,00% 0,00%

0 Chamei-lhe nomes

Assustei-o e meti-lhe medo

Tirei-lhe coisas dele

Bati-lhe

Ignorei-o e não lhe falei

Chamei-lhe nomes

Outra forma

Assustei-o e meti-lhe medo

Tirei-lhe coisas dele

Bati-lhe

Ignorei-o e não lhe falei

Outra forma

31 respostas

Chamei- lhe nomes

Assustei-o e meti-lhe medo

Tirei-lhe coisas dele

Bati-lhe

Ignorei-o e não lhe falei

Outra forma

N.º %

10 32,26

3 9,68

1 3,23

7 22,58

8 25,81

2 6,45

Básico

No Ensino Secundário, 18 alunos (24,66%) chamaram nomes, 13 (17,81%) assustaram e meteram medo ao colega, 2 (2,74%) tiraram-lhe coisas, 24 (32,88%) bateram-lhe, 10 (13,70%) ignoraram-no e não lhe falaram e 6 (8,22%) foram violentos de outra forma. De que forma foste violento com essa pessoa?

De que forma foste violento com essa pessoa? 35,00%

25

30,00%

20

25,00%

15

20,00% 15,00%

10

10,00%

5

5,00% 0,00%

0 Chamei-lhe nomes

Assustei-o e meti-lhe medo

Secundário 73 respostas

N.º %

Tirei-lhe coisas dele

Bati-lhe

Ignorei-o e não lhe falei

Chamei-lhe Assustei-o e Tirei-lhe nomes meti-lhe coisas dele medo

Outra forma

Bati-lhe

Ignorei-o e Outra forma não lhe falei

Chamei-lhe nomes

Assustei-o e meti-lhe medo

Tirei-lhe coisas dele

Bati-lhe

Ignorei-o e não lhe falei

Outra forma

18 24,66

13 17,81

2 2,74

24 32,88

10 13,70

6 8,22

3.24.- O que sentiste quando foste violento com essa pessoa? 17 alunos (24,64%) sentiram-se bem, 20 (28,99%) não sentiram nada, 11 (15,94%) sentiram-se mal e 21 (30,43%) sentiram-se arrependidos.

Violência Escolar

Página 52


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

O que sentiste quando foste violento com essa pessoa?

O que sentiste quando foste violento com essa pessoa?

Senti-me arrependido

Senti-me arrependido

Senti-me mal

Senti-me mal

Não senti nada

Não senti nada

Senti-me bem

Senti-me bem 0

5

10

15

20

Senti-me bem 17 24,64

Total 69 respostas

N.º %

25

0,00%

Não senti nada 20 28,99

5,00%

10,00% 15,00% 20,00% 25,00% 30,00% 35,00%

Senti-me mal 11 15,94

Senti-me arrependido 21 30,43

No Ensino Básico, 5 alunos (23,81%) sentiram-se bem, 2 (9,52%) não sentiram nada, 6 (28,57%) sentiram-se mal e 8 (38,10%) sentiram-se arrependidos. O que sentiste quando foste violento com essa pessoa?

O que sentiste quando foste violento com essa pessoa?

40,00% 30,00% 20,00% 10,00% 0,00%

8 6 4 2 0 Senti-me bem

Não senti nada

Básico

Senti-me mal

Senti-me bem

21 respostas

N.º %

Senti-me bem

Senti-me arrependido

5 23,81

Não senti nada 2 9,52

Não senti nada

Senti-me mal 6 28,57

Senti-me mal

Senti-me arrependido

Senti-me arrependido 8 38,10

No Ensino Secundário, 12 alunos (25,00%) sentiram-se bem, 18 (37,50%) não sentiram nada, 5 (10,42%) sentiram-se mal e 13 (27,08%) sentiram-se arrependidos. O que sentiste quando foste violento com essa pessoa?

O que sentiste quando foste violento com essa pessoa? 40,00% 35,00% 30,00% 25,00% 20,00% 15,00% 10,00% 5,00% 0,00%

20 15 10 5

0 Senti-me bem

Não senti nada

Secundário 48 respostas

Senti-me mal

Senti-me arrependido

Senti-me bem

N.º %

Violência Escolar

12 25,00

Senti-me bem

Não senti nada 18 37,50

Não senti nada

Senti-me mal 5 10,42

Senti-me mal

Senti-me arrependido

Senti-me arrependido 13 27,08

Página 53


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

3.25.- Contaste a alguém sobre teres sido violento? 40 alunos (57,97%) contaram o sucedido e 29 (42,03%) não contaram a ninguém. Contaste a alguém sobre teres sido violento?

Contaste a alguém sobre teres sido violento?

Não

Não

Sim

Sim

0

5

10

15

20

25

30

Total 69 respostas

N.º %

35

40

0,00%

10,00%

20,00%

30,00%

40,00%

50,00%

Sim

Não

40 57,97

29 42,03

60,00%

No Ensino Básico, 12 alunos (57,14%) contaram o sucedido e 9 (42,86%) não contaram a ninguém. Contaste a alguém sobre teres sido violento?

Contaste a alguém sobre teres sido violento?

60,00%

15

10

40,00%

5

20,00% 0,00%

0 Sim

Sim

Não

Básico 21 respostas

N.º %

Não

Sim

Não

12 57,14

9 42,86

No Ensino Secundário, 28 alunos (58,33%) contaram o sucedido e 20 (41,67%) não contaram a ninguém. Contaste a alguém sobre teres sido violento?

Contaste a alguém sobre teres sido violento?

30

60,00%

25

50,00%

20

40,00%

15

30,00%

10

20,00%

5

10,00% 0,00%

0 Sim

Secundário 48 respostas

N.º % Violência Escolar

Sim

Não

Não

Sim

Não

28 58,33

20 41,67 Página 54


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

3.26.- A quem contaste? 16 alunos (28,07%) contaram à Mãe e/ou ao Pai, 6 (10,53%) contaram à irmã e/ou ao irmão, 27 (47,37%) a uma amiga e/ou amigo, 4 (7,02%) a um familiar adulto e 4 (7,02%) contaram a outra pessoa. A quem contaste?

A quem contaste?

Outra pessoa

Outra pessoa

Familiar adulto

Familiar adulto

Amiga e / ou Amigo

Amiga e / ou Amigo

Irmã e / ou Irmão

Irmã e / ou Irmão

Mãe e / ou Pai

Mãe e / ou Pai 0

5

10

Total 57 respostas

N.º %

15

20

25

30

0,00%

10,00%

20,00%

30,00%

40,00%

50,00%

Mãe e/ou Pai

Irmã e/ou Irmão

Amiga e/ou Amigo

Familiar adulto

Outra pessoa

16

6

28,07

10,53

27 47,37

4 7,02

4 7,02

No Ensino Básico, 5 alunos (29,41%) contaram à Mãe e/ou ao Pai, 3 (17,65%) contaram à irmã e/ou ao irmão, 8 (47,06%) a uma amiga e/ou amigo e 1 (5,88%) contou a um familiar adulto. A quem contaste?

A quem contaste?

50,00%

8

40,00%

6

30,00%

4

20,00%

2

10,00% 0,00%

0 Mãe e / ou Pai

Irmã e / ou Irmão

Amiga e / ou Amigo

Familiar adulto

17 respostas

Mãe e/ou Pai

N.º %

Básico

Outra pessoa

Mãe e / ou Pai

Irmã e / ou Irmão

Amiga e / ou Amigo

Familiar adulto

Outra pessoa

Irmã e/ou Irmão

Amiga e/ou Amigo

Familiar adulto

Outra pessoa

5

3

29,41

17,65

8 47,06

1 5,88

0 0,00

No Ensino Secundário, 11 alunos (27,50%) contaram à Mãe e/ou ao Pai, 3 (7,50%) contaram à irmã e/ou ao irmão, 19 (47,50%) a uma amiga e/ou amigo, 3 (7,50%) a um familiar adulto e 4 (10,00%) contaram a outra pessoa.

Violência Escolar

Página 55


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

A quem contaste?

A quem contaste? 50,00% 45,00% 40,00% 35,00% 30,00% 25,00% 20,00% 15,00% 10,00% 5,00% 0,00%

20 18 16 14 12 10 8 6 4 2 0 Mãe e / ou Pai

Irmã e / ou Irmão

Amiga e / ou Amigo

Secundário 40 respostas

Familiar adulto

Outra pessoa

Mãe e / ou Pai

Irmã e / ou Irmão

Amiga e / ou Amigo

Familiar adulto

Outra pessoa

Mãe e/ou Pai

Irmã e/ou Irmão

Amiga e/ou Amigo

Familiar adulto

Outra pessoa

11

3

27,50

7,50

19 47,50

3 7,50

4 10,00

N.º %

3.27.- O que te disse essa pessoa a quem contaste? A 4 alunos (9,30%) foi dito para continuar, porque era normal, a 6 (13,95%) não ligaram ao que disseram, a 13 (30,23%) disseram para não voltar a fazer o mesmo e a 20 (46,51%) disseram que tinham feito mal e explicaram o motivo. O que te disse essa pessoa a quem contaste?

O que te disse essa pessoa a quem contaste?

Disse-me que tinha feito mal e explicou porquê

Disse-me que tinha feito mal e explicou porquê

Disse-me para não voltar a fazer o mesmo

Disse-me para não voltar a fazer o mesmo

Não ligou ao que eu disse

Não ligou ao que eu disse

Disse-me para continuar, porque era normal

Disse-me para continuar, porque era normal 0

Total 43 respostas

N.º %

5

10

Disse-me para continuar, porque era normal 4 9,30

15

0,00% 10,00% 20,00% 30,00% 40,00% 50,00%

20

Não ligou ao que eu disse 6 13,95

Disse-me para não voltar a fazer o mesmo 13 30,23

Disse-me que tinha feito mal e explicou porquê 20 46,51

No Ensino Básico, a 2 alunos (16,67%) foi dito para continuar, porque era normal, a 2 (16,67%) não ligaram ao que disseram, a 5 (41,67%) disseram para não voltar a fazer o mesmo e a 3 (25,00%) disseram que tinham feito mal e explicaram o motivo.

Violência Escolar

Página 56


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

O que te disse essa pessoa a quem contaste?

O que te disse essa pessoa a quem contaste?

60,00%

6 4

40,00%

2

20,00% 0,00%

0 Disse-me para continuar, porque era normal

Não ligou ao que eu disse

Básico 12 respostas

N.º %

Disse-me para não voltar a fazer o mesmo

Disse-me para continuar, porque era normal

Disse-me que tinha feito mal e explicou porquê

Disse-me para continuar, porque era normal 2 16,67

Não ligou ao que eu disse 2 16,67

Não ligou ao que eu disse

Disse-me para não voltar a fazer o mesmo

Disse-me para não voltar a fazer o mesmo 5 41,67

Disse-me que tinha feito mal e explicou porquê

Disse-me que tinha feito mal e explicou porquê 3 25,00

No Ensino Secundário, a 2 alunos (6,45%) foi dito para continuar, porque era normal, a 4 (12,90%) não ligaram ao que disseram, a 8 (25,81%) disseram para não voltar a fazer o mesmo e a 17 (54,84%) disseram que tinham feito mal e explicaram o motivo. O que te disse essa pessoa a quem contaste?

O que te disse essa pessoa a quem contaste? 60,00%

18 16 14 12 10 8 6 4 2 0

50,00% 40,00% 30,00%

20,00% 10,00% 0,00% Disse-me para continuar, porque era normal

Não ligou ao que eu Disse-me para não disse voltar a fazer o mesmo

Secundário 31 respostas

N.º %

Disse-me para Não ligou ao que eu Disse-me para não Disse-me que tinha continuar, porque disse voltar a fazer o feito mal e explicou era normal mesmo porquê

Disse-me que tinha feito mal e explicou porquê

Disse-me para continuar, porque era normal 2 6,45

Não ligou ao que eu disse 4 12,90

Disse-me para não voltar a fazer o mesmo 8 25,81

Disse-me que tinha feito mal e explicou porquê 17 54,84

3.28.- Quando foste violento com outra pessoa fora da Escola, isso aconteceu por te juntares a outros colegas? 9 alunos (13,43%) foram violentos por se juntarem a outros colegas e 58 (86,57%) foram-no sem se juntarem a ninguém.

Violência Escolar

Página 57


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Quando foste violento com outra pessoa fora da Escola, isso aconteceu por te juntares a outros colegas?

Quando foste violento com outra pessoa fora da Escola, isso aconteceu por te juntares a outros colegas?

Não

Não

Sim

Sim

0

10

20

30

40

Total 67 respostas

N.º %

50

60

0,00%

20,00%

40,00%

60,00%

80,00%

Sim

Não

9 13,43

58 86,57

100,00%

No Ensino Básico, 4 alunos (19,05%) foram violentos por se juntarem a outros colegas e 17 (80,95%) foram-no sem se juntarem a ninguém. Quando foste violento com outra pessoa fora da Escola, isso aconteceu por te juntares a outros colegas?

Quando foste violento com outra pessoa fora da Escola, isso aconteceu por te juntares a outros colegas?

20

100,00%

10

50,00% 0,00%

0 Sim

Sim

Não

Básico 21 respostas

N.º %

Não

Sim

Não

4 19,05

17 80,95

No Ensino Secundário, 5 alunos (10,87%) foram violentos por se juntarem a outros colegas e 41 (89,13%) foram-no sem se juntarem a ninguém. Quando foste violento com outra pessoa fora da Escola, isso aconteceu por te juntares a outros colegas?

Quando foste violento com outra pessoa fora da Escola, isso aconteceu por te juntares a outros colegas?

100,00%

50 40

80,00%

30

60,00%

20

40,00%

10

20,00% 0,00%

0 Sim

Secundário 46 respostas

N.º %

Violência Escolar

Sim

Não

Não

Sim

Não

5 10,87

41 89,13

Página 58


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

3.29.- O que te disseram esses colegas para seres violento? 4 alunos (28,57%) foram com outros colegas por terem dito que era normal, 1 (7,14%) foi com outros colegas que disseram que se não o fizesse lhe batiam e 9 (64,29%) foram por vontade própria. O que te disseram esses colegas para seres violento?

O que te disseram esses colegas para seres violento?

Não disseram nada. Fui porque me apeteceu

Não disseram nada. Fui porque me apeteceu

Disseram que se não o fizesse me batiam a mim

Disseram que se não o fizesse me batiam a mim

Disseram que já era normal fazerem aquilo

Disseram que já era normal fazerem aquilo

Disseram que era só uma vez

Disseram que era só uma vez

Disseram que tinha de participar para sermos …

Disseram que tinha de participar para sermos …

Disseram que era normal

Disseram que era normal

0

Total 14 respostas

N.º %

1

2

3

4

5

6

7

8

9

0,00%10,00%20,00%30,00%40,00%50,00%60,00%70,00%

Disseram que era normal

Disseram que tinha de participar para sermos amigos

Disseram que era só uma vez

Disseram que já era normal fazerem aquilo

Disseram que se não o fizesse me batiam a mim

Não disseram nada. Fui porque me apeteceu

4 28,57

0 0,00

0 0,00

0 0,00

1 7,14

9 64,29

No Ensino Básico, 1 aluno (20,00%) foi com outros colegas por terem dito que era normal, 1 (20,00%) foi com outros colegas que disseram que se não o fizesse lhe batiam e 3 (60,00%) foram por vontade própria. O que te disseram esses colegas para seres violento?

O que te disseram esses colegas para seres violento?

60,00% 40,00% 20,00% 0,00%

3 2 1 0

Disseram que Disseram que Disseram que Disseram que Disseram que Não disseram era normal tinha de era só uma já era normal se não o nada. Fui participar vez fazerem fizesse me porque me para sermos aquilo batiam a mim apeteceu amigos

Disseram que Disseram que Disseram que Disseram que Disseram que Não disseram era normal tinha de era só uma já era normal se não o nada. Fui participar vez fazerem fizesse me porque me para sermos aquilo batiam a mim apeteceu amigos

Básico 5 respostas

N.º %

Disseram que era normal

Disseram que tinha de participar para sermos amigos

Dissera m que era só uma vez

Disseram que já era normal fazerem aquilo

Disseram que se não o fizesse me batiam a mim

Não disseram nada. Fui porque me apeteceu

1 20,00

0 0,00

0 0,00

0 0,00

1 20,00

3 60,00

No Ensino Secundário, 3 alunos (33,33%) foram com outros colegas por terem dito que era normal e 6 (66,67%) foram por vontade própria.

Violência Escolar

Página 59


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

O que te disseram esses colegas para seres violento?

O que te disseram esses colegas para seres violento? 70,00% 60,00% 50,00% 40,00% 30,00% 20,00% 10,00% 0,00%

6 5 4 3 2 1 0

Disseram queDisseram queDisseram queDisseram queDisseram queNão disseram era normal tinha de era só uma já era normal se não o nada. Fui participar vez fazerem fizesse me porque me para sermos aquilo batiam a mim apeteceu amigos

Disseram que Disseram que Disseram que Disseram que Disseram que Não disseram era normal tinha de era só uma já era normal se não o nada. Fui participar vez fazerem fizesse me porque me para sermos aquilo batiam a mim apeteceu amigos

Secundário 9 respostas

N.º %

Disseram que era normal

Disseram que tinha de participar para sermos amigos

Dissera m que era só uma vez

Disseram que já era normal fazerem aquilo

Disseram que se não o fizesse me batiam a mim

Não disseram nada. Fui porque me apeteceu

3 33,33

0 0,00

0 0,00

0 0,00

0 0,00

6 66,67

3.30.- Já alguma vez foste violento com alguém na Escola? 75 alunos (17,28%) já foram violentos com alguém na Escola e 359 (82,72%) nunca o foram. Já alguma vez foste violento com alguém na Escola?

Já alguma vez foste violento com alguém na Escola?

Não

Não

Sim

Sim

0

50

100

150

200

250

300

Total 434 respostas

N.º %

350

400

0,00%

20,00%

40,00%

60,00%

Sim

Não

75 17,28

359 82,72

80,00%

100,00%

No Ensino Básico, 26 alunos (18,06%) já foram violentos com alguém na Escola e 118 (81,94%) nunca o foram. Já alguma vez foste violento com alguém na Escola?

Já alguma vez foste violento com alguém na Escola?

100,00%

150 100

50,00%

50

0,00%

0 Sim

Violência Escolar

Não

Sim

Não

Página 60


Escola Secundária de Barcelinhos

Básico 144 respostas

N.º %

Ano Letivo 2017/2018

Sim

Não

26 18,06

118 81,94

No Ensino Secundário, 49 alunos (16,90%) já foram violentos com alguém na Escola e 241 (83,10%) nunca o foram. Já alguma vez foste violento com alguém na Escola?

Já alguma vez foste violento com alguém na Escola?

100,00%

250

200

80,00%

150

60,00%

100

40,00%

50

20,00%

0

0,00% Sim

Sim

Não

Secundário 290 respostas

N.º %

Não

Sim

Não

49 16,90

241 83,10

3.31.- Quantas vezes aconteceu essa situação de violência? 46 alunos (62,16%) foram violentos 1 ou 2 vezes, 9 (12,16%) foram violentos 2 ou 3 vezes, 5 (6,76%) foram violentos 3 ou 4 vezes e 14 (18,92%) foram violentos muitas vezes. Quantas vezes aconteceu essa situação de violência?

Quantas vezes aconteceu essa situação de violência?

Muitas vezes

Muitas vezes

Três ou quatro vezes

Três ou quatro vezes

Duas ou três vezes

Duas ou três vezes

Uma ou duas vezes

Uma ou duas vezes 0

Total 74 respostas

10

20

30

40

50

0,00% 10,00% 20,00% 30,00% 40,00% 50,00% 60,00% 70,00%

1 ou 2vezes

2 ou 3 vezes

3 ou 4 vezes

Muitas vezes

46 62,16

9 12,16

5 6,76

14 18,92

N.º %

No Ensino Básico, 18 alunos (72,00%) foram violentos 1 ou 2 vezes, 3 (12,00%) foram violentos 2 ou 3 vezes, 1 (4,00%) foi violento 3 ou 4 vezes e 3 (12,00%) foram violentos muitas vezes.

Violência Escolar

Página 61


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Quantas vezes aconteceu essa situação de violência?

Quantas vezes aconteceu essa situação de violência?

80,00% 60,00% 40,00% 20,00% 0,00%

20 15 10

5 0 Uma ou duas vezes

Duas ou três vezes

Três ou quatro vezes

Básico 25 respostas

Uma ou duas vezes

Muitas vezes

Duas ou três vezes

Três ou quatro vezes

Muitas vezes

1 ou 2vezes

2 ou 3 vezes

3 ou 4 vezes

Muitas vezes

18 72,00

3 12,00

1 4,00

3 12,00

N.º %

No Ensino Secundário, 28 alunos (57,14%) foram violentos 1 ou 2 vezes, 6 (12,24%) foram violentos 2 ou 3 vezes, 4 (8,16%) foram violentos 3 ou 4 vezes e 11 (22,45%) foram violentos muitas vezes. Quantas vezes aconteceu essa situação de violência?

Quantas vezes aconteceu essa situação de violência?

30

60,00%

25

50,00%

20

40,00%

15

30,00%

10

20,00%

5

10,00% 0,00%

0 Uma ou duas vezes Duas ou três vezes

Secundário 49 respostas

Três ou quatro vezes

Muitas vezes

Uma ou duas vezes Duas ou três vezes

Três ou quatro vezes

Muitas vezes

1 ou 2vezes

2 ou 3 vezes

3 ou 4 vezes

Muitas vezes

28 57,14

6 12,24

4 8,16

11 22,45

N.º %

3.32.- De que forma foste violento com essa pessoa? 30 alunos (27,27%) chamaram nomes, 21 (19,09%) assustaram e meteram medo ao colega, 1 (0,91%) tirou-lhe coisas, 33 (30,00%) bateram-lhe, 15 (13,64%) ignoraram--no e não lhe falaram e 10 (9,09%) foram violentos de outra forma. De que forma foste violento com essa pessoa?

De que forma foste violento com essa pessoa?

Outra forma

Outra forma

Ignorei-o e não lhe falei

Ignorei-o e não lhe falei

Bati-lhe

Bati-lhe

Tirei-lhe coisas dele

Tirei-lhe coisas dele

Assustei-o e meti-lhe medo

Assustei-o e meti-lhe medo

Chamei-lhe nomes

Chamei-lhe nomes 0

5

10

Violência Escolar

15

20

25

30

35

0,00%

5,00%

10,00%

15,00%

20,00%

25,00%

30,00%

Página 62


Escola Secundária de Barcelinhos

Total 110 respostas

Ano Letivo 2017/2018

Chamei-lhe nomes

Assustei-o e meti-lhe medo

Tirei-lhe coisas dele

Bati-lhe

Ignorei-o e não lhe falei

Outra forma

30 27,27

21 19,09

1 0,91

33 30,00

15 13,64

10 9,09

N.º %

No Ensino Básico, 10 alunos (32,26%) chamaram nomes, 3 (9,68%) assustaram e meteram medo ao colega, 11 (35,48%) bateram-lhe, 3 (9,68%) ignoraram-no e não lhe falaram e 4 (12,90%) foram violentos de outra forma. De que forma foste violento com essa pessoa?

De que forma foste violento com essa pessoa?

40,00%

15

30,00%

10

20,00% 10,00%

5

0,00%

0 Chamei-lhe nomes

Assustei-o e meti-lhe medo

Básico 31 respostas

Tirei-lhe coisas dele

Bati-lhe

Ignorei-o e não lhe falei

Chamei-lhe nomes

Outra forma

Assustei-o e meti-lhe medo

Tirei-lhe coisas dele

Bati-lhe

Ignorei-o e não lhe falei

Outra forma

Chamei-lhe nomes

Assustei-o e meti-lhe medo

Tirei-lhe coisas dele

Bati-lhe

Ignorei-o e não lhe falei

Outra forma

10 32,26

3 9,68

0 0,00

11 35,48

3 9,68

4 12,90

N.º %

No Ensino Secundário, 20 alunos (25,32%) chamaram nomes, 18 (22,78%) assustaram e meteram medo ao colega, 1 (1,27%) tirou-lhe coisas, 22 (27,85%) bateram-lhe, 12 (15,19%) ignoraram-no e não lhe falaram e 6 (7,59%) foram violentos de outra forma. De que forma foste violento com essa pessoa?

De que forma foste violento com essa pessoa? 30,00%

25

25,00%

20

20,00%

15

15,00%

10

10,00%

5

5,00%

0

0,00%

Chamei-lhe nomes

Assustei-o e meti-lhe medo

Secundário 79 respostas

N.º %

Tirei-lhe coisas dele

Bati-lhe

Ignorei-o e não lhe falei

Chamei-lhe Assustei-o e Tirei-lhe nomes meti-lhe coisas dele medo

Outra forma

Bati-lhe

Ignorei-o e Outra forma não lhe falei

Chamei-lhe nomes

Assustei-o e meti-lhe medo

Tirei-lhe coisas dele

Bati-lhe

Ignorei-o e não lhe falei

Outra forma

20 25,32

18 22,78

1 1,27

22 27,85

12 15,19

6 7,59

3.33.- O que sentiste quando foste violento com essa pessoa? 13 alunos (17,57%) sentiram-se bem, 20 (27,03%) não sentiram nada, 11 (14,86%) sentiram-se mal e 30 (40,54%) sentiram-se arrependidos.

Violência Escolar

Página 63


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

O que sentiste quando foste violento com essa pessoa?

O que sentiste quando foste violento com essa pessoa?

Senti-me arrependido

Senti-me arrependido

Senti-me mal

Senti-me mal

Não senti nada

Não senti nada

Senti-me bem

Senti-me bem 0

5

10

15

20

25

Senti-me bem 13 17,57

Total 74 respostas

N.º %

30

0,00%

Não senti nada 20 27,03

10,00%

20,00%

Senti-me mal 11 14,86

30,00%

40,00%

50,00%

Senti-me arrependido 30 40,54

No Ensino Básico, 5 alunos (20,00%) sentiram-se bem, 6 (24,00%) não sentiram nada, 4 (16,00%) sentiram-se mal e 10 (40,00%) sentiram-se arrependidos. O que sentiste quando foste violento com essa pessoa?

O que sentiste quando foste violento com essa pessoa?

40,00% 30,00% 20,00% 10,00% 0,00%

10 5 0 Senti-me bem

Não senti nada

Básico

Senti-me mal

Senti-me bem

25 respostas

N.º %

Senti-me bem

Senti-me arrependido

5 20,00

Não senti nada 6 24,00

Não senti nada

Senti-me mal 4 16,00

Senti-me mal

Senti-me arrependido

Senti-me arrependido 10 40,00

No Ensino Secundário, 8 alunos (16,33%) sentiram-se bem, 14 (28,57%) não sentiram nada, 7 (14,29%) sentiram-se mal e 20 (40,82%) sentiram-se arrependidos. O que sentiste quando foste violento com essa pessoa?

O que sentiste quando foste violento com essa pessoa? 50,00%

20

40,00%

15

30,00%

10

20,00%

5

10,00% 0,00%

0 Senti-me bem

Não senti nada

Secundário 49 respostas

Senti-me mal

Senti-me arrependido

Senti-me bem

N.º %

Violência Escolar

8 16,33

Senti-me bem

Não senti nada 14 28,57

Não senti nada

Senti-me mal 7 14,29

Senti-me mal

Senti-me arrependido

Senti-me arrependido 20 40,82

Página 64


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

3.34.- Contaste a alguém sobre teres sido violento? 46 alunos (62,16%) contaram o sucedido e 28 (37,84%) não contaram a ninguém. Contaste a alguém sobre teres sido violento?

Contaste a alguém sobre teres sido violento?

Não

Não

Sim

Sim

0

10

20

30

40

Total 74 respostas

N.º %

50

0,00%

10,00%

20,00%

30,00%

40,00%

50,00%

Sim

Não

46 62,16

28 37,84

60,00%

70,00%

No Ensino Básico, 15 alunos (62,50%) contaram o sucedido e 9 (37,50%) não contaram a ninguém. Contaste a alguém sobre teres sido violento?

Contaste a alguém sobre teres sido violento?

80,00%

15

60,00%

10

40,00%

5

20,00% 0,00%

0 Sim

Sim

Não

Básico 24 respostas

N.º %

Não

Sim

Não

15 62,50

9 37,50

No Ensino Secundário, 31 alunos (62,00%) contaram o sucedido e 19 (38,00%) não contaram a ninguém. Contaste a alguém sobre teres sido violento?

Contaste a alguém sobre teres sido violento?

35

70,00%

30

60,00%

25

50,00%

20

40,00%

15

30,00%

10

20,00%

5

10,00% 0,00%

0 Sim

Secundário 50 respostas

N.º % Violência Escolar

Sim

Não

Não

Sim

Não

31 62,00

19 38,00 Página 65


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

3.35.- A quem contaste? 4 alunos (4,94%) contaram a uma professora ou professor, 3 (3,70%) contaram a um adulto que não professora ou professor, 19 (23,46%) contaram à Mãe e/ou ao Pai, 12 (14,81%) contaram à irmã e/ou ao irmão, 33 (40,74%) a uma amiga e/ou amigo, 7 (8,64%) a um familiar adulto e 3 (3,70%) contaram a outra pessoa. A quem contaste?

A quem contaste?

Outra pessoa

Outra pessoa

Familiar adulto

Familiar adulto

Amiga e / ou Amigo

Amiga e / ou Amigo

Irmã e / ou Irmão

Irmã e / ou Irmão Mãe e / ou Pai

Mãe e / ou Pai

Outro adulto da escola que não a professora ou …

Outro adulto da escola que não a professora ou o …

Professora / Professor

Professora / Professor

0

5

10

15

20

25

81 respostas

Professora /Professor

Outro adulto da escola que não a professora ou o professor

N.º %

4 4,94

3 3,70

Total

30

0,00%5,00% 10,00% 15,00% 20,00% 25,00% 30,00% 35,00% 40,00% 45,00%

35

Mãe e/ou Pai

Irmã e/ou Irmão

19

12

23,46

14,81

Amiga e/ou Amigo

Familiar adulto

Outra pessoa

33 40,74

7 8,64

3 3,70

No Ensino Básico, 8 (33,33%) contaram à Mãe e/ou ao Pai, 4 (16,67%) contaram à irmã e/ou ao irmão, 10 (41,67%) a uma amiga e/ou amigo e 2 (8,33%) a um familiar adulto. A quem contaste?

A quem contaste?

Outra pessoa

Familiar adulto

Amiga e / ou Amigo

Irmã e / ou Irmão

Mãe e / ou Pai

Professora / Professor

Outra pessoa

Familiar adulto

Amiga e / ou Amigo

Irmã e / ou Irmão

Mãe e / ou Pai

Outro adulto da escola que não a professora ou o professor

Professora / Professor

Outro adulto da escola que não a professora ou o professor

50,00% 40,00% 30,00% 20,00% 10,00% 0,00%

10 8 6 4 2 0

24 respostas

Professora /Professor

Outro adulto da escola que não a professora ou o professor

Mãe e/ou Pai

Irmã e/ou Irmão

Amiga e/ou Amigo

Familiar adulto

Outra pessoa

N.º %

0 0,00

0 0,00

8 33,33

4 16,67

10 41,67

2 8,33

0 0,00

Básico

No Ensino Secundário, 4 alunos (7,02%) contaram a uma professora ou professor, 3 (5,26%) contaram a um adulto que não professora ou professor, 11 (19,30%) contaram à Mãe e/ou ao Pai, 8 (14,04%) contaram à irmã e/ou ao irmão, 23 (40,35%) a Violência Escolar

Página 66


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

uma amiga e/ou amigo, 5 (8,77%) a um familiar adulto e 3 (5,26%) contaram a outra pessoa. A quem contaste?

A quem contaste?

Outra pessoa

Familiar adulto

Amiga e / ou Amigo

Irmã e / ou Irmão

Mãe e / ou Pai

Professora / Professor

Outra pessoa

Familiar adulto

Amiga e / ou Amigo

Irmã e / ou Irmão

Mãe e / ou Pai

Outro adulto da escola que não a professora ou o professor

Professora / Professor

Outro adulto da escola que não a professora ou o professor

45,00% 40,00% 35,00% 30,00% 25,00% 20,00% 15,00% 10,00% 5,00% 0,00%

25 20 15 10 5 0

57 respostas

Professora /Professor

Outro adulto da escola que não a professora ou o professor

Mãe e/ou Pai

Irmã e/ou Irmão

Amiga e/ou Amigo

Familiar adulto

Outra pessoa

N.º %

4 7,02

3 5,26

11 19,30

8 14,04

23 40,35

5 8,77

3 5,26

Secundário

3.36.- O que te disse essa pessoa a quem contaste? A 5 alunos (9,43%) foi dito para continuar, porque era normal, a 5 (9,43%) não ligaram ao que disseram, a 18 (33,96%) disseram para não voltar a fazer o mesmo e a 25 (47,17%) disseram que tinham feito mal e explicaram o motivo. O que te disse essa pessoa a quem contaste?

O que te disse essa pessoa a quem contaste?

Disse-me que tinha feito mal e explicou porquê

Disse-me que tinha feito mal e explicou porquê

Disse-me para não voltar a fazer o mesmo

Disse-me para não voltar a fazer o mesmo

Não ligou ao que eu disse

Não ligou ao que eu disse

Disse-me para continuar, porque era normal

Disse-me para continuar, porque era normal 0

Total 53 respostas

N.º %

5

10

15

Disse-me para continuar, porque era normal 5 9,43

20

0,00% 10,00% 20,00% 30,00% 40,00% 50,00%

25

Não ligou ao que eu disse 5 9,43

Disse-me para não voltar a fazer o mesmo 18 33,96

Disse-me que tinha feito mal e explicou porquê 25 47,17

No Ensino Básico, a 2 alunos (11,11%) foi dito para continuar, porque era normal, a 1 (5,56%) não ligaram ao que disse, a 8 (44,44%) disseram para não voltar a fazer o mesmo e a 7 (38,89%) disseram que tinham feito mal e explicaram o motivo.

Violência Escolar

Página 67


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

O que te disse essa pessoa a quem contaste?

O que te disse essa pessoa a quem contaste?

60,00%

8 6

40,00%

4

20,00%

2

0,00%

0 Disse-me para continuar, porque era normal

Não ligou ao que eu disse

Básico 18 respostas

N.º %

Disse-me para não voltar a fazer o mesmo

Disse-me para continuar, porque era normal

Disse-me que tinha feito mal e explicou porquê

Disse-me para continuar, porque era normal

Não ligou ao que eu disse

2 11,11

1 5,56

Não ligou ao que eu disse

Disse-me para não voltar a fazer o mesmo

Disse-me para não voltar a fazer o mesmo 8 44,44

Disse-me que tinha feito mal e explicou porquê

Disse-me que tinha feito mal e explicou porquê 7 38,89

No Ensino Secundário, a 3 alunos (8,57%) foi dito para continuar, porque era normal, a 4 (11,43%) não ligaram ao que disseram, a 10 (28,57%) disseram para não voltar a fazer o mesmo e a 18 (51,43%) disseram que tinham feito mal e explicaram o motivo. O que te disse essa pessoa a quem contaste?

O que te disse essa pessoa a quem contaste? 60,00%

18 16 14 12 10 8 6 4 2 0

50,00% 40,00% 30,00%

20,00% 10,00% 0,00% Disse-me para continuar, porque era normal

Não ligou ao que eu Disse-me para não disse voltar a fazer o mesmo

Secundário 35 respostas

N.º %

Disse-me para Não ligou ao que eu Disse-me para não Disse-me que tinha continuar, porque disse voltar a fazer o feito mal e explicou era normal mesmo porquê

Disse-me que tinha feito mal e explicou porquê

Disse-me para continuar, porque era normal

Não ligou ao que eu disse

3 8,57

4 11,43

Disse-me para não voltar a fazer o mesmo 10 28,57

Disse-me que tinha feito mal e explicou porquê 18 51,43

3.37.- Quando foste violento com outra pessoa na Escola, isso aconteceu por te juntares a outros colegas? 7 alunos (9,21%) foram violentos por se juntarem a outros colegas e 69 (90,79%) foram- -no sem se juntarem a ninguém.

Violência Escolar

Página 68


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Quando foste violento com outra pessoa na Escola , isso aconteceu por te juntares a outros colegas?

Quando foste violento com outra pessoa na Escola , isso aconteceu por te juntares a outros colegas?

Não

Não

Sim

Sim

0

10

20

30

40

50

Total 76 respostas

N.º %

60

70

0,00%

20,00%

40,00%

60,00%

80,00%

Sim

Não

7 9,21

69 90,79

100,00%

No Ensino Básico, 3 alunos (11,54%) foram violentos por se juntarem a outros colegas e 23 (88,46%) foram-no sem se juntarem a ninguém. Quando foste violento com outra pessoa na Escola , isso aconteceu por te juntares a outros colegas?

Quando foste violento com outra pessoa na Escola , isso aconteceu por te juntares a outros colegas?

100,00%

30 20

50,00%

10

0,00%

0 Sim

Sim

Não

Básico 26 respostas

N.º %

Não

Sim

Não

3 11,54

23 88,46

No Ensino Secundário, 4 alunos (8,00%) foram violentos por se juntarem a outros colegas e 46 (92,00%) foram-no sem se juntarem a ninguém. Quando foste violento com outra pessoa na Escola , isso aconteceu por te juntares a outros colegas?

Quando foste violento com outra pessoa na Escola , isso aconteceu por te juntares a outros colegas?

100,00%

50 40

80,00%

30

60,00%

20

40,00%

10

20,00% 0,00%

0 Sim

Secundário 50 respostas

N.º %

Violência Escolar

Sim

Não

Não

Sim

Não

4 8,00

46 92,00

Página 69


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

3.38.- O que te disseram esses colegas para seres violento? 1 aluno (12,50%) foi com outros colegas por terem dito que tinha de participar para serem amigos, 1 (12,50%) foi com outros colegas por terem dito que era só uma vez, 1 (12,50%) foi com outros colegas que disseram que se não o fizesse lhe batiam e 5 (62,50%) foram por vontade própria. O que te disseram esses colegas para seres violento?

O que te disseram esses colegas para seres violento?

Não disseram nada. Fui porque me apeteceu

Não disseram nada. Fui porque me apeteceu

Disseram que se não o fizesse me batiam a mim

Disseram que se não o fizesse me batiam a mim

Disseram que já era normal fazerem aquilo

Disseram que já era normal fazerem aquilo

Disseram que era só uma vez

Disseram que era só uma vez

Disseram que tinha de participar para sermos …

Disseram que tinha de participar para sermos …

Disseram que era normal

Disseram que era normal

0

Total 8 respostas

N.º %

1

2

3

4

5

0,00%10,00%20,00%30,00%40,00%50,00%60,00%70,00%

Disseram que era normal

Disseram que tinha de participar para sermos amigos

Disseram que era só uma vez

Disseram que já era normal fazerem aquilo

Disseram que se não o fizesse me batiam a mim

Não disseram nada. Fui porque me apeteceu

0 0,00

1 12,50

1 12,50

0 0,00

1 12,50

5 62,50

No Ensino Básico, 1 aluno (25,00%) foi com outros colegas por terem dito que era só uma vez, 1 (25,00%) foi com outros colegas que disseram que se não o fizesse lhe batiam e 2 (50,00%) foram por vontade própria. O que te disseram esses colegas para seres violento?

O que te disseram esses colegas para seres violento?

60,00% 40,00% 20,00% 0,00%

2 1,5 1 0,5 0 Disseram que Disseram que Disseram que Disseram que Disseram que Não disseram era normal tinha de era só uma já era normal se não o nada. Fui participar vez fazerem fizesse me porque me para sermos aquilo batiam a mim apeteceu amigos

Básico 4 respostas

N.º %

Disseram que era normal

Disseram que tinha de participar para sermos amigos

0 0,00

0 0,00

Disseram que Disseram que Disseram que Disseram que Disseram que Não disseram era normal tinha de era só uma já era normal se não o nada. Fui participar vez fazerem fizesse me porque me para sermos aquilo batiam a mim apeteceu amigos

Disseram que era só uma vez

Disseram que já era normal fazerem aquilo

Disseram que se não o fizesse me batiam a mim

Não disseram nada. Fui porque me apeteceu

1 25,00

0 0,00

1 25,00

2 50,00

No Ensino Secundário, 1 aluno (25,00%) foi com outros colegas por terem dito que tinha de participar para serem emigos e 3 (75,00%) foram por vontade própria.

Violência Escolar

Página 70


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

O que te disseram esses colegas para seres violento?

O que te disseram esses colegas para seres violento? 80,00% 70,00% 60,00% 50,00% 40,00% 30,00% 20,00% 10,00% 0,00%

3 2,5 2 1,5 1 0,5 0

Disseram queDisseram queDisseram queDisseram queDisseram queNão disseram era normal tinha de era só uma já era normal se não o nada. Fui participar vez fazerem fizesse me porque me para sermos aquilo batiam a mim apeteceu amigos

Disseram que Disseram que Disseram que Disseram que Disseram que Não disseram era normal tinha de era só uma já era normal se não o nada. Fui participar vez fazerem fizesse me porque me para sermos aquilo batiam a mim apeteceu amigos

Secundário 4 respostas

N.º %

Disseram que era normal

Disseram que tinha de participar para sermos amigos

0 0,00

1 25,00

Violência Escolar

Disseram que era só uma vez

Disseram que já era normal fazerem aquilo

Disseram que se não o fizesse me batiam a mim

Não disseram nada. Fui porque me apeteceu

0 0,00

0 0,00

0 0,00

3 75,00

Página 71


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Alunos que sofreram Bullying

Violência Escolar

Página 72


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

4.- Caracterização dos alunos que sofreram Bullying. 4.1.- Por idade. Dos 69 alunos que sofreram Bullying, 6 (8,70%) têm 12 anos, 11 (15,94%) têm 13 anos, 3 (4,35%) têm 14 anos, 9 (13,04%) têm 15 anos, 14 (20,29%) têm 16 anos e 7 (10,14%) têm 18 anos. A maior concentração de alunos que sofreram Bullying situa-se nos 17 anos de idade, com 19 casos (27,54%). Idade

Idade

19

19

18

18

17

17

16

16

15

15

14

14

13

13

12

12 0

5

Total N.º %

10

15

12 6 8,70

13 11 15,94

20

14 3 4,35

0,00%

5,00%

15 9 13,04

10,00%

15,00%

16 14 20,29

20,00%

25,00%

17 19 27,54

30,00%

18 7 10,14

No Ensino Básico, dos 20 alunos que sofreram Bullying, 6 (30,00%) têm 12 anos e 3 (15,00%) têm 14 anos. A maior concentração de alunos que sofreram Bullying situa-se nos 13 anos de idade, com 11 casos (55,00%). Idade

Idade

60,00%

15

10

40,00%

5

20,00%

0,00%

0 11

Básico N.º %

12

13

14

12 6 30,00

15

16

11

13 11 55,00

12

13

14

15

16

14 3 15,00

No Ensino Secundário, dos 49 alunos que sofreram Bullying, 9 (18,37%) têm 15 anos, 14 (28,57%) têm 16 anos e 7 (14,29%) têm 18 anos. A maior concentração de alunos que sofreram Bullying situa-se nos 17 anos de idade, com 19 casos (38,78%).

Violência Escolar

Página 73


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Idade

Idade 40,00%

20 18 16 14 12 10 8 6 4 2 0

35,00%

30,00% 25,00% 20,00% 15,00%

10,00% 5,00% 0,00% 15

16

17

18

Secundário N.º %

19

20

21

22

15 9 18,37

15

16 14 28,57

16

17

18

19

20

17 19 38,78

21

22

18 7 14,29

4.2.- Por género. Dos 69 alunos que sofreram Bullying, 43 (62,32%) são do género feminino e 26 (37,68%) são do género masculino. Género

Género

Rapaz

Rapaz

Rapariga

Rapariga

0

10

20

30

40

Total N.º %

0,00% 10,00% 20,00% 30,00% 40,00% 50,00% 60,00% 70,00%

50

Rapariga 43 62,32

Rapaz 26 37,68

No Ensino Básico, dos 20 alunos que sofreram Bullying, 12 (60,00%) são do género feminino e 8 (40,00%) são do género masculino. Género

Género

15

60,00%

10

40,00%

5

20,00% 0,00%

0 Rapariga

Básico N.º %

Rapariga

Rapaz

Rapariga 12 60,00

Rapaz

Rapaz 8 40,00

No Ensino Secundário, dos 49 alunos que sofreram Bullying, 31 (63,27%) são do género feminino e 18 (36,73%) são do género masculino. Violência Escolar

Página 74


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Género

Género

35

70,00%

30

60,00%

25

50,00%

20

40,00%

15

30,00%

10

20,00%

5

10,00% 0,00%

0 Rapariga

Rapariga

Rapaz

Secundário N.º %

Rapaz

Rapariga 31 63,27

Rapaz 18 36,73

4.3.- Por ano de escolaridade. Dos 69 alunos que sofreram Bullying, 8 (11,59%) são do 7.º ano, 11 (15,94%) são do 8.º ano, 1 (1,45%) é do 9.º ano, 18 (26,09%) são do 10.º ano e 9 (13,04%) são do 11.º ano; a maior concentração de casos encontra-se no 12.º ano com 22 referências (31,88%). É no Ensino Regular, com 62 casos (89,86%) contra os 7 (10,14%) do Ensino Profissional, que se concentra o maior número de ocorrências. Ano de Escolaridade

Ano de Escolaridade

Profissional

Profissional

Regular

Regular

12.º

12.º

11.º

11.º

10.º

10.º

9.º

9.º

8.º

8.º

7.º

7.º 0

Total N.º %

10

20

7.º 8 11,59

30

40

50

8.º 11 15,94

60

9.º 1 1,45

70

10.º 18 26,09

0,00%

11.º 9 13,04

20,00%

12.º 22 31,88

40,00%

60,00%

80,00%

100,00%

Regular Profissional 62 7 89,86 10,14

No Ensino Básico, dos 20 alunos que sofreram Bullying, 8 (40,00%) são do 7.º ano e 1 (5,00%) é do 9.º ano; no 8.º ano concentra-se o maior número de casos, com 11 situações (55,00%). Ano de Escolaridade

Ano de Escolaridade

100,00%

20 15

50,00%

10 5

0,00%

0

7.º

8.º

9.º

Violência Escolar

Regular

Profissional

CEF

7.º

8.º

9.º

Regular

Profissional

CEF

Página 75


Escola Secundária de Barcelinhos

Básico N.º %

7.º 8 40,00

Ano Letivo 2017/2018

8.º 11 55,00

9.º 1 5,00

Regular 20 100,00

No Ensino Secundário, dos 49 alunos que sofreram Bullying, 18 (36,73%) são do 10.º ano e 9 (18,37%) são do 11.º ano; no 12.º ano concentra-se o maior número de ocorrências, com 22 casos (44,90%). É no Ensino Regular, com 42 casos (85,71%) contra os 7 (14,29%) do Ensino Profissional, que se concentra o maior número de ocorrências. Ano de Escolaridade

Ano de Escolaridade

45

90,00%

40

80,00%

35

70,00%

30

60,00%

25

50,00%

20

40,00%

15

30,00%

10

20,00%

5

10,00% 0,00%

0 10.º

11.º

12.º

Secundário N.º %

Regular

Profissional

10.º 18 36,73

10.º

CEF

11.º 9 18,37

11.º

12.º 22 44,90

12.º

Regular

Regular 42 85,71

Profissional

CEF

Profissional 7 14,29

4.4.- Percurso escolar. Dos 69 alunos que sofreram Bullying, 12 (17,39%) já reprovaram e 57 (82,61%) nunca reprovaram. Dos 12 que já reprovaram, a 10 (90,91%) aconteceu 1 só vez e a 1 (9,09%) aconteceu 2 vezes. 1 aluno não indicou este dado. Já alguma vez reprovaste?

Já alguma vez reprovaste?

Não

Não

Sim

Sim

0

10

20

30

40

50

60

0,00%

20,00%

Quantas vezes reprovaste?

Cinco ou mais vezes

Três ou quatro vezes

Três ou quatro vezes

Duas Vezes

Duas Vezes

Uma vez

Uma vez 2

Violência Escolar

4

6

60,00%

80,00%

100,00%

Quantas vezes reprovaste?

Cinco ou mais vezes

0

40,00%

8

10

0,00%

20,00%

40,00%

60,00%

80,00%

100,00%

Página 76


Escola Secundária de Barcelinhos

Total N.º % Total N.º %

Ano Letivo 2017/2018

Sim 12 17,39 1 vez 10 90,91

Não 57 82,61 2 vezes 1 9,09

3 ou 4 vezes 0 0,00

5 ou + vezes 0 0,00

No Ensino Básico, dos 20 alunos que sofreram Bullying, 2 (10,00%) já reprovaram e 18 (90,00%) nunca reprovaram. Aos 2 que já reprovaram (100,00%) aconteceu 1 só vez. Já alguma vez reprovaste?

Já alguma vez reprovaste?

100,00%

20 15

50,00%

10 5

0,00%

0 Sim

Sim

Não

Quantas vezes reprovaste?

Não

Quantas vezes reprovaste?

2

100,00%

1,5

80,00% 60,00%

1

40,00%

0,5

20,00% 0,00%

0 Uma vez

Básico N.º % Básico N.º %

Duas Vezes

Três ou quatro vezes

Cinco ou mais vezes

Não Respondeu

Uma vez

Duas Vezes

Sim 2 10,00 1 vez 2 100,00

2 vezes 0 0,00

3 ou 4 vezes 0 0,00

Três ou quatro vezes

Cinco ou mais vezes

Não Respondeu

Não 18 90,00 5 ou + vezes 0 0,00

No Ensino Secundário, dos 49 alunos que sofreram Bullying, 10 (20,41%) já reprovaram e 39 (79,59%) nunca reprovaram. Aos 10 que já reprovaram, isso aconteceu 1 vez a 8 deles (80,00%) e 2 vezes a 1 outro (10,00%); 1 aluno não respondeu à questão.

Violência Escolar

Página 77


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Já alguma vez reprovaste?

Já alguma vez reprovaste?

80,00%

40 35

70,00%

30

60,00%

25

50,00%

20

40,00%

15

30,00%

10

20,00%

5

10,00% 0,00%

0 Sim

Sim

Não

Quantas vezes reprovaste?

Não

Quantas vezes reprovaste? 90,00% 80,00% 70,00% 60,00% 50,00% 40,00% 30,00% 20,00% 10,00% 0,00%

10 9 8 7 6 5 4 3 2 1 0 Uma vez

Duas Vezes

Três ou quatro vezes

Cinco ou mais vezes

Secundário N.º %

Não Respondeu

Uma vez

Duas Vezes

Três ou quatro Cinco ou mais Não Respondeu vezes vezes

Sim 10 20,41

Secundário N.º %

1 vez 8 80,00

Não 39 79,59 2 vezes 1 10,00

3 ou 4 vezes 0 0,00

5 ou + vezes 0 0,00

4.5.- Já ouviste falar em Bullying e/ou em Cyberbullying?

Dos 69 alunos que sofreram Bullying, 4 (5,80%) já ouviram falar só de Bullying e 65 (94,20%) já ouviram falar tanto de Bullying como de Cyberbullying. Já ouviste falar em Bullying e/ou em Ciberbullying?

Já ouviste falar em Bullying e/ou em Ciberbullying?

Não

Não

Sim, do Ciberbullying

Sim, do Ciberbullying

Sim, de ambos

Sim, de ambos

Sim, do Bullying

Sim, do Bullying

0

Total N.º %

10

20

30

40

Sim, do Bullying 4 5,80

50

60

70

Sim, de ambos 65 94,20

0,00%

20,00%

40,00%

60,00%

Sim, do Cyberbullying 0 0,00

80,00% 100,00%

Não 0 0,00

No Ensino Básico, dos 20 alunos que sofreram Bullying, todos (100,00%) já ouviram falar tanto de Bullying como de Cyberbullying.

Violência Escolar

Página 78


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Já ouviste falar em Bullying e/ou em Ciberbullying?

Já ouviste falar em Bullying e/ou em Ciberbullying?

100,00%

20 15

50,00%

10

5

0,00%

0 Sim, do Bullying

Sim, de ambos

Sim, do Ciberbullying

Sim, do Bullying

Não

Básico

Sim, do Bullying

N.º %

0 0,00

Sim, de ambo s 20 100,0 0

Sim, de ambos

Sim, do Ciberbullying

Não

Sim, do Cyberbullying

Não

0 0,00

0 0,00

No Ensino Secundário, dos 49 alunos que sofreram Bullying, 4 (8,16%) só ouviram falar de Bullying e 45 (91,84%) já ouviram falar tanto de Bullying como de Cyberbullying. Já ouviste falar em Bullying e/ou em Ciberbullying?

Já ouviste falar em Bullying e/ou em Ciberbullying?

50

100,00%

40

80,00%

30

60,00%

20

40,00%

10

20,00%

0

0,00% Sim, do Bullying

Secundário N.º %

Sim, de ambos

Sim, do Ciberbullying

Não

Sim, do Bullying 4 8,16

Sim, do Bullying

Sim, de ambos

Sim, do Ciberbullying

Sim, de ambos Sim, do Cyberbullying 45 0 91,84 0,00

Não

Não 0 0,00

4.6.- Na tua escola alguém já te informou sobre o Bullying e/ou o Cyberbullying? Quem te informou sobre Bullying e/ou o Cyberbullying na escola? Dos 69 alunos que sofreram Bullying, 4 alunos (5,88%) disseram que na escola tinham ouvido falar unicamente de Bullying. Por outro lado, 3 alunos (4,41%) afirmaram ter unicamente ouvido falar de Cyberbullying na escola. 61 alunos (89,71%) ouviram falar de Bullying e Cyberbullying enquanto frequentavam a escola. Em 23 dos casos (20,72%) receberam a informação através de uma professora ou de um professor, 57 (51,35%) informou-se numa atividade de sensibilização/palestra, 24 (21,62%) foi informado pela Escola Segura, 3 (2,70%) informou-se através da Associação de Pais e 4 (3,60%) encontrou informação através de outros meios. 1 aluno não indicou este dado.

Violência Escolar

Página 79


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Na tua escola alguém já te informou sobre o Bullying e/ou o Ciberbullying?

Na tua escola alguém já te informou sobre o Bullying e/ou o Ciberbullying?

Não

Não

Sim, sobre o Ciberbullying

Sim, sobre o Ciberbullying

Sim, sobre ambos

Sim, sobre ambos

Sim, sobre o Bullying

Sim, sobre o Bullying

0

10

20

30

40

50

60

70

0,00%

Quem te informou sobre o Bullying e/ou o Ciberbullying na tua escola?

20,00% 40,00% 60,00% 80,00% 100,00%

Quem te informou sobre o Bullying e/ou o Ciberbullying na tua escola?

Outro

Outro

Associação de Pais

Associação de Pais

Escola Segura

Escola Segura

Atividade de sensibilização / Palestra

Atividade de sensibilização / Palestra

Professor / a

Professor / a

0

Total N.º %

10

20

30

40

50

Sim, sobre o Bullying 4 5,88

60

0,00%10,00%20,00%30,00%40,00%50,00%60,00%

Sim, sobre ambos 61 89,71

Total

Professor/a

Atividade de sensibilização / Palestra

N.º %

23 20,72

57 51,35

Sim, sobre o Cyberbullying 3 4,41

Não 0 0,00

Escola Segura

Associação de Pais

Outro

24 21,62

3 2,70

4 3,60

No Ensino Básico, dos 20 alunos que sofreram Bullying, 20 alunos (100,00%) ouviram falar de Bullying e Cyberbullying enquanto frequentavam a escola. Afirmaram ter tomado conhecimento destas realidade do Bullying e/ou do Cyberbullying, 11 alunos (27,50%) através de uma professora ou de um professor, 15 (37,50%) informou-se numa atividade de sensibilização/palestra, 10 (25,00%) foi informado pela Escola Segura, 3 (7,50%) informou-se através da Associação de Pais e 1 (2,50%) encontrou informação através de outros meios. Na tua escola alguém já te informou sobre o Bullying e/ou o Ciberbullying?

Na tua escola alguém já te informou sobre o Bullying e/ou o Ciberbullying?

100,00%

20 15 10 5 0

50,00%

0,00% Sim, sobre o Bullying

Sim, sobre ambos

Violência Escolar

Sim, sobre o Ciberbullying

Não

Sim, sobre o Bullying

Sim, sobre ambos

Sim, sobre o Ciberbullying

Não

Página 80


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Quem te informou sobre o Bullying e/ou o Ciberbullying na tua escola?

Quem te informou sobre o Bullying e/ou o Ciberbullying na tua escola?

40,00%

15

30,00%

10

20,00%

5

10,00%

0,00%

0 Professor / a

Atividade de sensibilização / Palestra

Básico N.º %

Escola Segura

Associação de Pais

Professor / a

Outro

Sim, sobre o Bullying 0 0,00

Sim, sobre ambos 20 100,00

Atividade de sensibilização / Palestra

Escola Segura

Associação de Pais

Sim, sobre o Cyberbullying 0 0,00

Outro

Não 0 0,00

Básico

Professor/a

Atividade de sensibilização / Palestra

Escola Segura

Associação de Pais

Outro

N.º %

11 27,50

15 37,50

10 25,00

3 7,50

1 2,50

No Ensino Secundário, dos 49 alunos que sofreram Bullying, 4 alunos (8,33%) disseram que na escola tinham ouvido falar unicamente de Bullying. Por outro lado, 41 alunos (85,42%) ouviram falar de Bullying e Cyberbullying enquanto frequentavam a escola e 3 alunos (6,25%) só ouviram falar de Cyberbullying na escola. Afirmaram ter tomado conhecimento destas realidades do Bullying e/ou do Cyberbullying, 12 alunos (16,90%) através de uma professora ou de um professor, 42 (59,15%) informou-se numa atividade de sensibilização/palestra, 14 (19,72%) foi informado pela Escola Segura e 3 (4,23%) encontrou informação através de outros meios. Na tua escola alguém já te informou sobre o Bullying e/ou o Ciberbullying?

Na tua escola alguém já te informou sobre o Bullying e/ou o Ciberbullying?

50

100,00%

40

80,00%

30

60,00%

20

40,00%

10

20,00%

0

0,00% Sim, sobre o Bullying

Sim, sobre ambos

Sim, sobre o Ciberbullying

Sim, sobre o Bullying

Não

Quem te informou sobre o Bullying e/ou o Ciberbullying na tua escola?

Sim, sobre ambos

Sim, sobre o Ciberbullying

Não

Quem te informou sobre o Bullying e/ou o Ciberbullying na tua escola? 60,00%

45 40 35 30 25 20 15 10 5 0

50,00% 40,00% 30,00% 20,00% 10,00% 0,00% Professor / a

Atividade de Escola Segura sensibilização / Palestra

Violência Escolar

Associação de Pais

Outro

Professor / a

Atividade de Escola Segura Associação de sensibilização / Pais Palestra

Outro

Página 81


Escola Secundária de Barcelinhos

Sim, sobre o Bullying 4 8,33

Secundário N.º %

Ano Letivo 2017/2018

Sim, sobre ambos 41 85,42

Sim, sobre o Cyberbullying 3 6,25

Não 0 0,00

Secundário

Professor/a

Atividade de sensibilização / Palestra

Escola Segura

Associação de Pais

Outro

N.º %

12 16,90

42 59,15

14 19,72

0 0,00

3 4,23

4.7.- Em casa os teus pais já te falaram sobre Bullying e/ou Cyberbullying? Dos 69 alunos que sofreram Bullying, 20 alunos (28,99%) falaram em casa unicamente sobre Bullying, 39 alunos (56,52%) falaram em casa sobre Bullying e Cyberbullying e 10 alunos (14,49%) nunca falaram destas realidades em casa. Em casa os teus pais já te falaram sobre o Bullying e/ou o Ciberbullying?

Em casa os teus pais já te falaram sobre o Bullying e/ou o Ciberbullying?

Não

Não

Sim, sobre o Ciberbullying

Sim, sobre o Ciberbullying

Sim, sobre ambos

Sim, sobre ambos

Sim, sobre o Bullying

Sim, sobre o Bullying

0

10

20

30

40

Sim, sobre Bullying 20 28,99

Total N.º %

0,00% 10,00% 20,00% 30,00% 40,00% 50,00% 60,00%

Sim, sobre ambos 39 56,52

Sim, sobre Cyberbullying 0 0,00

Não 10 14,49

No Ensino Básico, dos 20 alunos que sofreram Bullying, 5 alunos (25,00%) falaram em casa unicamente sobre Bullying, 12 alunos (60,00%) falaram em casa sobre Bullying e Cyberbullying e 3 alunos (15,00%) nunca falaram destas realidades em casa. Em casa os teus pais já te falaram sobre o Bullying e/ou o Ciberbullying?

Em casa os teus pais já te falaram sobre o Bullying e/ou o Ciberbullying?

60,00%

15

10

40,00%

5

20,00% 0,00%

0 Sim, sobre o Bullying

Sim, sobre ambos

Básico N.º %

Violência Escolar

Sim, sobre o Ciberbullying

Não

Sim, sobre Bullying 5 25,00

Sim, sobre o Bullying

Sim, sobre ambos 12 60,00

Sim, sobre ambos

Sim, sobre o Ciberbullying

Sim, sobre Cyberbullying 0 0,00

Não

Não 3 15,00

Página 82


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

No Ensino Secundário, dos 49 alunos que sofreram Bullying, 15 alunos (30,61%) falaram em casa unicamente sobre Bullying, 27 alunos (55,10%) falaram em casa sobre Bullying e Cyberbullying e 7 alunos (14,29%) nunca falaram destas realidades em casa. Em casa os teus pais já te falaram sobre o Bullying e/ou o Ciberbullying?

Em casa os teus pais já te falaram sobre o Bullying e/ou o Ciberbullying?

30

60,00%

25

50,00%

20

40,00%

15

30,00%

10

20,00%

5

10,00%

0

0,00% Sim, sobre o Bullying

Sim, sobre ambos

Sim, sobre o Ciberbullying

Não

Sim, sobre o Bullying

Sim, sobre Bullying 15 30,61

Secundário N.º %

Sim, sobre ambos 27 55,10

Sim, sobre ambos

Sim, sobre o Ciberbullying

Sim, sobre Cyberbullying 0 0,00

Não

Não 7 14,29

4.8.- Os professores e / ou os adultos da escola separam os alunos quando há situações de Bullying? Dos 69 alunos que sofreram Bullying, 15 alunos (22,39%) afirmaram que essa situação acontece sempre, 9 (13,43%) referiram que a situação acontece frequentemente, 25 (37,31%) confirmaram que isso acontece por vezes, 8 (11,94%) declararam que quase nunca acontece e em 10 situações (14,93%) essa separação nunca surgiu. 2 alunos não indicaram este dado. Os professores e / ou os adultos da escola separam os alunos quando há situações de Bullying?

Os professores e / ou os adultos da escola separam os alunos quando há situações de Bullying?

Nunca

Nunca

Quase nunca

Quase nunca

Por vezes

Por vezes

Frequentemente

Frequentemente

Sempre

Sempre

0

5

10

15

20

25

0,00%

5,00% 10,00% 15,00% 20,00% 25,00% 30,00% 35,00% 40,00%

Total

Sempre

Frequentemente

Por vezes

N.º %

15 22,39

9 13,43

25 37,31

Quase nunca 8 11,94

Nunca 10 14,93

No Ensino Básico, dos 20 alunos que sofreram Bullying, 6 alunos (30,00%) afirmaram que essa situação acontece sempre, 2 (10,00%) referiram que a situação acontece frequentemente, 7 (35,00%) confirmaram que isso acontece por vezes, 2 (10,00%) declararam que quase nunca acontece e em 3 situações (15,00%) essa separação nunca surgiu.

Violência Escolar

Página 83


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Os professores e / ou os adultos da escola separam os alunos quando há situações de Bullying?

Os professores e / ou os adultos da escola separam os alunos quando há situações de Bullying? 40,00% 30,00% 20,00% 10,00% 0,00%

8 6 4 2 0

Básico

Sempre

Frequentemente

Por vezes

N.º %

6 30,00

2 10,00

7 35,00

Quase nunca 2 10,00

Nunca 3 15,00

No Ensino Secundário, dos 49 alunos que sofreram Bullying, 9 alunos (19,15%) afirmaram que essa situação acontece sempre, 7 (14,89%) referiram que a situação acontece frequentemente, 18 (38,30%) confirmaram que isso acontece por vezes, 6 (12,77%) declararam que quase nunca acontece e em 7 situações (14,89%) essa separação nunca surgiu. Os professores e / ou os adultos da escola separam os alunos quando há situações de Bullying?

Os professores e / ou os adultos da escola separam os alunos quando há situações de Bullying?

20

40,00%

15

30,00%

10

20,00%

5

10,00%

0

0,00%

Secundário

Sempre

Frequentemente

Por vezes

N.º %

9 19,15

7 14,89

18 38,30

Quase nunca 6 12,77

Nunca 7 14,89

4.9.- Os alunos ajudam outros alunos vítimas de Bullying? Dos 69 alunos que sofreram Bullying, 10 alunos (14,49%) afirmaram que essa situação acontece sempre, 16 (23,19%) referiram que a situação acontece frequentemente, 31 (44,93%) confirmaram que isso acontece por vezes, 11 (15,94%) declararam que quase nunca acontece e em 1 situação (1,45%) essa ajuda nunca surgiu.

Violência Escolar

Página 84


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Os alunos ajudam outros alunos vítimas de Bullying?

Os alunos ajudam outros alunos vítimas de Bullying?

Nunca

Nunca

Quase nunca

Quase nunca

Por vezes

Por vezes

Frequentemente

Frequentemente

Sempre

Sempre 0

5

10

15

20

25

30

35

0,00% 5,00% 10,00% 15,00% 20,00% 25,00% 30,00% 35,00% 40,00% 45,00%

Total

Sempre

Frequentemente

Por vezes

N.º %

10 14,49

16 23,19

31 44,93

Quase nunca 11 15,94

Nunca 1 1,45

No Ensino Básico, dos 20 alunos que sofreram Bullying, 4 alunos (20,00%) afirmaram que essa situação acontece sempre, 4 (20,00%) referiram que a situação acontece frequentemente, 9 (45,00%) confirmaram que isso acontece por vezes e 3 (15,00%) declararam que quase nunca acontece. Os alunos ajudam outros alunos vítimas de Bullying?

Os alunos ajudam outros alunos vítimas de Bullying?

50,00% 40,00% 30,00% 20,00% 10,00% 0,00%

10 8 6 4 2 0

Básico

Sempre

Frequentemente

Por vezes

N.º %

4 20,00

4 20,00

9 45,00

Quase nunca 3 15,00

Nunca 0 0,00

No Ensino Secundário, dos 49 alunos que sofreram Bullying, 6 alunos (12,24%) afirmaram que essa situação acontece sempre, 12 (24,49%) referiram que a situação acontece frequentemente, 22 (44,90%) confirmaram que isso acontece por vezes, 8 (16,33%) declararam que quase nunca acontece e em 1 situação (2,04%) essa ajuda nunca surgiu. Os alunos ajudam outros alunos vítimas de Bullying? 25 20 15 10

5 0

Violência Escolar

Os alunos ajudam outros alunos vítimas de Bullying? 45,00% 40,00% 35,00% 30,00% 25,00% 20,00% 15,00% 10,00% 5,00% 0,00%

Página 85


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Secundário

Sempre

Frequentemente

Por vezes

N.º %

6 12,24

12 24,49

22 44,90

Quase nunca 8 16,33

Nunca 1 2,04

4.10.- O que sentes quando vês uma/um colega a ser vítima de Bullying? Dos 69 alunos que sofreram Bullying, 2 alunos (2,56%) sentem que essa pessoa talvez tenha feito alguma coisa para merecer, 2 (2,56%) não sentem nada, 2 (2,56%) sentem um pouco de pena, 23 (29,49%) sentem muita pena e querem ajudar, 10 (12,82%) sentem-se revoltadas/os, mas não ajudam e 39 (50,00%) sentem-se revoltadas/os e ajudam a vítima a defender-se. O que sentes quando vês uma / um colega a ser vítima de Bullying?

O que sentes quando vês uma / um colega a ser vítima de Bullying?

Sinto-me revoltada / o e ajudo a vítima a …

Sinto-me revoltada / o e ajudo a vítima a …

Sinto-me revoltada / o, mas não ajudo

Sinto-me revoltada / o, mas não ajudo

Sinto muita pena e quero ajudar

Sinto muita pena e quero ajudar

Sinto um pouco de pena

Sinto um pouco de pena

Não sinto nada

Não sinto nada

Sinto que essa pessoa talvez tenha feito alguma …

Sinto que essa pessoa talvez tenha feito alguma …

0

5

10

15

20

25

30

35

40

0,00% 10,00% 20,00% 30,00% 40,00% 50,00%

Total

Sinto que essa pessoa talvez tenha feito alguma coisa para merecer

Não sinto nada

Sinto um pouco de pena

Sinto muita pena e quero ajudar

Sinto-me revoltada/o, mas não ajudo

Sinto-me revoltada/o e ajudo a vítima a defender-se

N.º %

2 2,56

2 2,56

2 2,56

23 29,49

10 12,82

39 50,00

No Ensino Básico, dos 20 alunos que sofreram Bullying, 1 aluno (4,00%) sente que essa pessoa talvez tenha feito alguma coisa para merecer, 1 (4,00%) sente um pouco de pena, 11 (44,00%) sentem muita pena e querem ajudar, 5 (20,00%) sentem- -se revoltadas/os, mas não ajudam e 7 (28,00%) sentem-se revoltadas/os e ajudam a vítima a defender-se. O que sentes quando vês uma / um colega a ser vítima de Bullying?

O que sentes quando vês uma / um colega a ser vítima de Bullying?

Sinto-me revoltada / o e ajudo a vítima a defender-se

Sinto-me revoltada / o, mas não ajudo

Sinto muita pena e quero ajudar

Sinto um pouco de pena

Não sinto nada

Sinto-me revoltada / o e ajudo a vítima a defender-se

Sinto-me revoltada / o, mas não ajudo

Sinto muita pena e quero ajudar

Sinto um pouco de pena

Não sinto nada

Sinto que essa pessoa talvez tenha feito alguma coisa para…

Sinto que essa pessoa talvez tenha feito alguma coisa para …

60,00% 40,00% 20,00% 0,00%

15 10 5 0

Básico

Sinto que essa pessoa talvez tenha feito alguma coisa para merecer.

Não sinto nada.

Sinto um pouco de pena

Sinto muita pena e quero ajudar

Sinto-me revoltada/o, mas não ajudo

Sinto-me revoltada/o e ajudo a vítima a defender-se

N.º %

1 4,00

0 0,00

1 4,00

11 44,00

5 20,00

7 28,00

Violência Escolar

Página 86


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

No Ensino Secundário, dos 49 alunos que sofreram Bullying, 1 aluno (1,89%) sente que essa pessoa talvez tenha feito alguma coisa para merecer, 2 (3,77%) não sentem nada, 1 (1,89%) sente um pouco de pena, 12 (22,64%) sentem muita pena e querem ajudar, 5 (9,43%) sentem-se revoltadas/os, mas não ajudam e 32 (60,38%) sentem-se revoltadas/os e ajudam a vítima a defender-se. O que sentes quando vês uma / um colega a ser vítima de Bullying?

O que sentes quando vês uma / um colega a ser vítima de Bullying?

Sinto-me revoltada / o e ajudo a vítima a defender-se

Sinto-me revoltada / o, mas não ajudo

Sinto muita pena e quero ajudar

Sinto um pouco de pena

Sinto que essa pessoa talvez tenha feito alguma coisa para…

Sinto-me revoltada / o e ajudo a vítima a defender-se

Sinto-me revoltada / o, mas não ajudo

Sinto muita pena e quero ajudar

Sinto um pouco de pena

Não sinto nada

Sinto que essa pessoa talvez tenha feito alguma coisa para …

Não sinto nada

70,00% 60,00% 50,00% 40,00% 30,00% 20,00% 10,00% 0,00%

35 30 25 20 15 10 5 0

Secundário

Sinto que essa pessoa talvez tenha feito alguma coisa para merecer.

Não sinto nada.

Sinto um pouco de pena

Sinto muita pena e quero ajudar

Sinto-me revoltada/o, mas não ajudo

Sinto-me revoltada/o e ajudo a vítima a defender-se

N.º %

1 1,89

2 3,77

1 1,89

12 22,64

5 9,43

32 60,38

4.11.- Já alguma vez foste violento com alguém fora da Escola? Dos 69 alunos que sofreram Bullying, 16 alunos (23,19%) já foram violentos com alguém fora da Escola e 53 (76,81%) nunca o foram. Já alguma vez foste violento com alguém fora da Escola?

Já alguma vez foste violento com alguém fora da Escola?

Não

Não

Sim

Sim

0

10

20

30

Total N.º %

40

50

Sim 16 23,19

60

0,00%

10,00% 20,00% 30,00% 40,00% 50,00% 60,00% 70,00% 80,00%

Não 53 76,81

No Ensino Básico, dos 20 alunos que sofreram Bullying, 4 alunos (20,00%) já foram violentos com alguém fora da Escola e 16 (80,00%) nunca o foram.

Violência Escolar

Página 87


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Já alguma vez foste violento com alguém fora da Escola?

Já alguma vez foste violento com alguém fora da Escola?

20

100,00%

10

50,00% 0,00%

0 Sim

Sim

Não

Básico N.º %

Sim 4 20,00

Não

Não 16 80,00

No Ensino Secundário, dos 49 alunos que sofreram Bullying, 12 alunos (24,49%) já foram violentos com alguém fora da Escola e 37 (75,51%) nunca o foram. Já alguma vez foste violento com alguém fora da Escola?

Já alguma vez foste violento com alguém fora da Escola?

40

80,00%

30

60,00%

20

40,00%

10

20,00%

0,00%

0 Sim

Sim

Não

Secundário N.º %

Sim 12 24,49

Não

Não 37 75,51

4.12.- Quantas vezes aconteceu essa situação de violência? Dos 16 alunos que sofreram Bullying e foram violentos fora da Escola, 10 alunos (66,67%) foram-no 1 ou 2 vezes e 5 (33,33%) foram-no muitas vezes. 1 aluno não indicou este dado. Quantas vezes aconteceu essa situação de violência?

Quantas vezes aconteceu essa situação de violência?

Muitas vezes

Muitas vezes

Três ou quatro vezes

Três ou quatro vezes

Duas ou três vezes

Duas ou três vezes

Uma ou duas vezes

Uma ou duas vezes 0

Total N.º %

2

4

6

1 ou 2vezes 10 66,67

Violência Escolar

8

10

2 ou 3 vezes 0 0,00

0,00%

10,00% 20,00% 30,00% 40,00% 50,00% 60,00% 70,00%

3 ou 4 vezes 0 0,00

Muitas vezes 5 33,33

Página 88


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

No Ensino Básico, dos 4 alunos que sofreram Bullying e foram violentos fora da Escola, 3 alunos (100,00%) foram violentos 1 ou 2 vezes. 1 aluno não indicou este dado. Quantas vezes aconteceu essa situação de violência?

Quantas vezes aconteceu essa situação de violência?

3

100,00%

2

50,00%

1 0,00%

0

Uma ou duas vezes

Duas ou três vezes

Básico N.º %

Três ou quatro vezes

Uma ou duas vezes

Muitas vezes

1 ou 2vezes 3 100,00

2 ou 3 vezes 0 0,00

Duas ou três vezes

Três ou quatro vezes

3 ou 4 vezes 0 0,00

Muitas vezes

Muitas vezes 0 0,00

No Ensino Secundário, dos 12 alunos que sofreram Bullying e foram violentos fora da Escola, 7 alunos (58,33%) foram violentos 1 ou 2 vezes e 5 (41,67%) foram violentos muitas vezes. Quantas vezes aconteceu essa situação de violência?

Quantas vezes aconteceu essa situação de violência?

7

60,00%

6

50,00%

5

40,00%

4

30,00%

3

20,00%

2

10,00%

1 0

0,00% Uma ou duas vezes Duas ou três vezes

Secundário N.º %

Três ou quatro vezes

Muitas vezes

Uma ou duas vezes Duas ou três vezes

1 ou 2vezes 7 58,33

2 ou 3 vezes 0 0,00

Três ou quatro vezes

3 ou 4 vezes 0 0,00

Muitas vezes

Muitas vezes 5 41,67

4.13.- De que forma foste violento com essa pessoa? Dos 16 alunos que sofreram Bullying e foram violentos fora da Escola, em 7 casos (25,93%) chamaram nomes, em 5 (18,52%) assustaram e meteram medo ao colega, em 6 (22,22%) bateram-lhe, em 7 (25,93%) ignoraram-no e não lhe falaram e em 2 (7,41%) foram violentos de outra forma. De que forma foste violento com essa pessoa?

De que forma foste violento com essa pessoa?

Outra forma

Outra forma

Ignorei-o e não lhe falei

Ignorei-o e não lhe falei

Bati-lhe

Bati-lhe

Tirei-lhe coisas dele

Tirei-lhe coisas dele

Assustei-o e meti-lhe medo

Assustei-o e meti-lhe medo

Chamei-lhe nomes

Chamei-lhe nomes 0

1

2

Violência Escolar

3

4

5

6

7

0,00%

5,00%

10,00%

15,00%

20,00%

25,00%

30,00%

Página 89


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Total

Chamei-lhe nomes

Assustei-o e meti-lhe medo

Tirei-lhe coisas dele

Bati-lhe

Ignorei-o e não lhe falei

Outra forma

N.º %

7 25,93

5 18,52

0 0,00

6 22,22

7 25,93

2 7,41

No Ensino Básico, dos 4 alunos que sofreram Bullying e foram violentos fora da Escola, em 2 casos (28,57%) chamaram nomes, em1 (14,29%) assustaram e meteram medo ao colega, em 3 (42,86%) ignoraram-no e não lhe falaram e em 1 (14,29%) foi violento de outra forma. De que forma foste violento com essa pessoa?

De que forma foste violento com essa pessoa?

60,00%

3

40,00%

2

20,00%

1

0,00%

0 Chamei-lhe nomes

Assustei-o e meti-lhe medo

Tirei-lhe coisas dele

Bati-lhe

Ignorei-o e não lhe falei

Chamei-lhe nomes

Outra forma

Assustei-o e meti-lhe medo

Tirei-lhe coisas dele

Bati-lhe

Ignorei-o e não lhe falei

Outra forma

Básico

Chamei-lhe nomes

Assustei-o e meti-lhe medo

Tirei-lhe coisas dele

Bati-lhe

Ignorei-o e não lhe falei

Outra forma

N.º %

2 28,57

1 14,29

0 0,00

0 0,00

3 42,86

1 14,29

No Ensino Secundário, dos 12 alunos que sofreram Bullying e foram violentos fora da Escola, em 5 casos (25,00%) chamaram nomes, em 4 (20,00%) assustaram e meteram medo ao colega, em 6 (30,00%) bateram-lhe, em 4 (20,00%) ignoraram-no e não lhe falaram e em 1 (5,00%) foi violento de outra forma. De que forma foste violento com essa pessoa?

De que forma foste violento com essa pessoa? 30,00%

6 5

25,00%

4

20,00%

3

15,00%

2

10,00%

1

5,00%

0

0,00%

Chamei-lhe nomes

Assustei-o e meti-lhe medo

Tirei-lhe coisas dele

Bati-lhe

Ignorei-o e não lhe falei

Chamei-lhe Assustei-o e Tirei-lhe nomes meti-lhe coisas dele medo

Outra forma

Bati-lhe

Ignorei-o e Outra forma não lhe falei

Secundário

Chamei-lhe nomes

Assustei-o e meti-lhe medo

Tirei-lhe coisas dele

Bati-lhe

Ignorei-o e não lhe falei

Outra forma

N.º %

5 25,00

4 20,00

0 0,00

6 30,00

4 20,00

1 5,00

Violência Escolar

Página 90


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

4.14.- O que sentiste quando foste violento com essa pessoa? Dos 16 alunos que sofreram Bullying e foram violentos fora da Escola, 5 alunos (31,25%) sentiram-se bem, 1 (6,25%) não sentiu nada, 6 (37,50%) sentiram-se mal e 4 (25,00%) sentiram-se arrependidos. O que sentiste quando foste violento com essa pessoa?

O que sentiste quando foste violento com essa pessoa?

Senti-me arrependido

Senti-me arrependido

Senti-me mal

Senti-me mal

Não senti nada

Não senti nada

Senti-me bem

Senti-me bem 0

1

2

3

4

5

Total

Senti-me bem

N.º %

5 31,25

6

0,00% 5,00% 10,00% 15,00% 20,00% 25,00% 30,00% 35,00% 40,00%

Não senti nada 1 6,25

Senti-me arrependido 4 25,00

Senti-me mal 6 37,50

No Ensino Básico, dos 4 alunos que sofreram Bullying e foram violentos fora da Escola, 2 alunos (50,00%) sentiram-se mal e 2 (50,00%) sentiram-se arrependidos. O que sentiste quando foste violento com essa pessoa?

O que sentiste quando foste violento com essa pessoa?

60,00%

2 1,5 1 0,5 0

40,00%

20,00% 0,00% Senti-me bem

Não senti nada

Senti-me mal

Senti-me bem

Senti-me arrependido

Básico

Senti-me bem

N.º %

0 0,00

Não senti nada 0 0,00

Não senti nada

Senti-me mal

Senti-me mal 2 50,00

Senti-me arrependido

Senti-me arrependido 2 50,00

No Ensino Secundário, dos 12 alunos que sofreram Bullying e foram violentos fora da Escola, 5 alunos (41,67%) sentiram-se bem, 1 (8,33%) não sentiu nada, 4 (33,33%) sentiram-se mal e 2 (16,67%) sentiram-se arrependidos. O que sentiste quando foste violento com essa pessoa?

O que sentiste quando foste violento com essa pessoa? 50,00%

5 4

40,00%

3

30,00%

2

20,00%

1

10,00%

0

0,00% Senti-me bem

Não senti nada

Senti-me mal

Violência Escolar

Senti-me arrependido

Senti-me bem

Não senti nada

Senti-me mal

Senti-me arrependido

Página 91


Escola Secundária de Barcelinhos

Secundário

Senti-me bem

N.º %

5 41,67

Ano Letivo 2017/2018

Não senti nada 1 8,33

Senti-me arrependido 2 16,67

Senti-me mal 4 33,33

4.15.- Contaste a alguém sobre teres sido violento? Dos 16 alunos que sofreram Bullying e foram violentos fora da Escola, 10 alunos (62,50%) contaram o sucedido e 6 (37,50%) não contaram a ninguém. Contaste a alguém sobre teres sido violento?

Contaste a alguém sobre teres sido violento?

Não

Não

Sim

Sim

0

2

4

6

8

Total N.º %

10

0,00%

10,00%

20,00%

Sim 10 62,50

30,00%

40,00%

50,00%

60,00%

70,00%

Não 6 37,50

No Ensino Básico, dos 4 alunos que sofreram Bullying e foram violentos fora da Escola, 1 aluno (25,00%) contou o sucedido e 3 (75,00%) não contaram a ninguém. Contaste a alguém sobre teres sido violento?

Contaste a alguém sobre teres sido violento?

80,00%

3

60,00%

2

40,00%

1

20,00% 0,00%

0 Sim

Básico N.º %

Sim

Não

Sim 1 25,00

Não

Não 3 75,00

No Ensino Secundário, dos 12 alunos que sofreram Bullying e foram violentos fora da Escola, 9 alunos (75,00%) contaram o sucedido e 3 (25,00%) não contaram a ninguém.

Violência Escolar

Página 92


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Contaste a alguém sobre teres sido violento?

Contaste a alguém sobre teres sido violento?

80,00%

9 8 7 6 5 4 3 2 1 0

70,00% 60,00% 50,00% 40,00% 30,00% 20,00% 10,00% 0,00%

Sim

Sim

Não

Secundário N.º %

Não

Sim 9 75,00

Não 3 25,00

4.16.- A quem contaste? Dos 10 alunos que sofreram Bullying e foram violentos fora da Escola e contaram a alguém, em 6 casos (31,58%) contaram à Mãe e/ou ao Pai, em 2 (10,53%) contaram à irmã e/ou ao irmão, em 9 (47,37%) a uma amiga e/ou amigo e em 2 (10,53%) a um familiar adulto. A quem contaste?

A quem contaste?

Outra pessoa

Outra pessoa

Familiar adulto

Familiar adulto

Amiga e / ou Amigo

Amiga e / ou Amigo

Irmã e / ou Irmão

Irmã e / ou Irmão

Mãe e / ou Pai

Mãe e / ou Pai 0

1

2

3

4

5

6

7

8

9

0,00%

10,00%

20,00%

30,00%

40,00%

50,00%

Total

Mãe e/ou Pai

Irmã e/ou Irmão

Amiga e/ou Amigo

Familiar adulto

Outra pessoa

N.º %

6

2

31,58

10,53

9 47,37

2 10,53

0 0,00

No Ensino Básico, o aluno que sofreu Bullying e foi violento fora da Escola e contou a alguém, contou a uma amiga e/ou amigo. A quem contaste?

A quem contaste?

100,00%

1

0,8

80,00%

0,6

60,00%

0,4

40,00%

0,2

20,00% 0,00%

0 Mãe e / ou Pai

Irmã e / ou Irmão

Amiga e / ou Amigo

Violência Escolar

Familiar adulto

Outra pessoa

Mãe e / ou Pai

Irmã e / ou Irmão

Amiga e / ou Amigo

Familiar adulto

Outra pessoa

Página 93


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Básico

Mãe e/ou Pai

Irmã e/ou Irmão

Amiga e/ou Amigo

Familiar adulto

Outra pessoa

N.º %

0 0,00

0 0,00

1 100,00

0 0,00

0 0,00

No Ensino Secundário, dos 9 alunos que sofreram Bullying e foram violentos fora da Escola e contaram a alguém, em 6 casos (33,33%) contaram à Mãe e/ou ao Pai, em 2 (11,11%) contaram à irmã e/ou ao irmão, em 8 (44,44%) a uma amiga e/ou amigo e em 2 (11,11%) a um familiar adulto. A quem contaste?

A quem contaste? 45,00% 40,00% 35,00% 30,00% 25,00% 20,00% 15,00% 10,00% 5,00% 0,00%

8 7 6 5 4

3 2 1 0 Mãe e / ou Pai

Irmã e / ou Irmão

Amiga e / ou Amigo

Familiar adulto

Outra pessoa

Mãe e / ou Pai

Irmã e / ou Irmão

Amiga e / ou Amigo

Familiar adulto

Outra pessoa

Secundário

Mãe e/ou Pai

Irmã e/ou Irmão

Amiga e/ou Amigo

Familiar adulto

Outra pessoa

N.º %

6 33,33

2 11,11

8 44,44

2 11,11

0 0,00

4.17.- O que te disse essa pessoa a quem contaste? Dos 10 alunos que sofreram Bullying e foram violentos fora da Escola e contaram a alguém, em 1 caso (7,69%) foi dito para continuar, porque era normal, em 1 (7,69%) não ligaram ao que disse, em 4 (30,77%) disseram para não voltar a fazer o mesmo e em 7 (53,85%) disseram que tinham feito mal e explicaram o motivo. O que te disse essa pessoa a quem contaste?

O que te disse essa pessoa a quem contaste?

Disse-me que tinha feito mal e explicou porquê

Disse-me que tinha feito mal e explicou porquê

Disse-me para não voltar a fazer o mesmo

Disse-me para não voltar a fazer o mesmo

Não ligou ao que eu disse

Não ligou ao que eu disse

Disse-me para continuar, porque era normal

Disse-me para continuar, porque era normal 0

Total N.º %

1

2

3

4

Disse-me para continuar, porque era normal 1 7,69

5

6

0,00% 10,00% 20,00%30,00% 40,00% 50,00%60,00%

7

Não ligou ao que eu disse 1 7,69

Disse-me para não voltar a fazer o mesmo 4 30,77

Disse-me que tinha feito mal e explicou porquê 7 53,85

No Ensino Básico, ao aluno que sofreu Bullying e foi violento fora da Escola e contou a alguém, foi dito para não voltar a fazer o mesmo.

Violência Escolar

Página 94


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

O que te disse essa pessoa a quem contaste?

O que te disse essa pessoa a quem contaste?

1

100,00%

0,5

50,00%

0,00%

0 Disse-me para continuar, porque era normal

Não ligou ao que eu disse

Disse-me para não voltar a fazer o mesmo

Disse-me para continuar, porque era normal 0 0,00

Básico N.º %

Disse-me para continuar, porque era normal

Disse-me que tinha feito mal e explicou porquê

Não ligou ao que eu disse 0 0,00

Não ligou ao que eu disse

Disse-me para não voltar a fazer o mesmo

Disse-me para não voltar a fazer o mesmo 1 100,00

Disse-me que tinha feito mal e explicou porquê

Disse-me que tinha feito mal e explicou porquê 0 0,00

No Ensino Secundário, dos 9 alunos que sofreram Bullying e foram violentos fora da Escola e contaram a alguém, em 1 caso (8,33%) foi dito para continuar, porque era normal, em 1 (8,33%) não ligaram ao que disse, em 3 (25,00%) disseram para não voltar a fazer o mesmo e em 7 (58,33%) disseram que tinham feito mal e explicaram o motivo. O que te disse essa pessoa a quem contaste?

O que te disse essa pessoa a quem contaste?

7

60,00%

6

50,00%

5

40,00%

4

30,00%

3

20,00%

2

10,00%

1

0,00%

0 Disse-me para continuar, porque era normal

Secundário N.º %

Disse-me para Não ligou ao que eu Disse-me para não Disse-me que tinha continuar, porque disse voltar a fazer o feito mal e explicou era normal mesmo porquê

Não ligou ao que eu Disse-me para não Disse-me que tinha disse voltar a fazer o feito mal e explicou mesmo porquê

Disse-me para continuar, porque era normal 1 8,33

Não ligou ao que eu disse 1 8,33

Disse-me para não voltar a fazer o mesmo 3 25,00

Disse-me que tinha feito mal e explicou porquê 7 58,33

4.18.- Quando foste violento com outra pessoa fora da Escola, isso aconteceu por te juntares a outros colegas? Dos 10 alunos que sofreram Bullying e foram violentos fora da Escola e contaram a alguém, 1 aluno (6,25%) foi violento por se juntar a outros colegas e 15 (93,75%) foram-no sem se juntarem a ninguém.

Violência Escolar

Página 95


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Quando foste violento com outra pessoa fora da Escola, isso aconteceu por te juntares a outros colegas?

Quando foste violento com outra pessoa fora da Escola, isso aconteceu por te juntares a outros colegas?

Não

Não

Sim

Sim

0

2

4

6

8

10

12

Total N.º %

14

16

0,00%

20,00%

40,00%

Sim 1 6,25

60,00%

80,00%

100,00%

Não 15 93,75

No Ensino Básico, dos 4 alunos que sofreram Bullying e foram violento fora da Escola, todos foram violentos sem se juntarem a ninguém. Quando foste violento com outra pessoa fora da Escola, isso aconteceu por te juntares a outros colegas?

Quando foste violento com outra pessoa fora da Escola, isso aconteceu por te juntares a outros colegas?

4

100,00%

2

50,00% 0,00%

0 Sim

Sim

Não

Básico N.º %

Não

Sim 0 0,00

Não 4 100,00

No Ensino Secundário, dos 12 alunos que sofreram Bullying e foram violentos fora da Escola, 1 aluno (8,33%) foi violento por se juntar a outros colegas e 11 (91,67%) foramno sem se juntarem a ninguém. Quando foste violento com outra pessoa fora da Escola, isso aconteceu por te juntares a outros colegas?

Quando foste violento com outra pessoa fora da Escola, isso aconteceu por te juntares a outros colegas?

100,00%

12 10 8 6 4 2 0

80,00% 60,00% 40,00%

20,00% 0,00% Sim

Secundário N.º %

Violência Escolar

Sim

Não

Sim 1 8,33

Não

Não 11 91,67

Página 96


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

4.19.- O que te disseram esses colegas para seres violento? O aluno que sofreu Bullying e foi violento por se juntar a outros colegas, foi por vontade própria. O que te disseram esses colegas para seres violento?

O que te disseram esses colegas para seres violento?

Não disseram nada. Fui porque me apeteceu

Não disseram nada. Fui porque me apeteceu

Disseram que se não o fizesse me batiam a mim

Disseram que se não o fizesse me batiam a mim

Disseram que já era normal fazerem aquilo

Disseram que já era normal fazerem aquilo

Disseram que era só uma vez

Disseram que era só uma vez

Disseram que tinha de participar para sermos…

Disseram que tinha de participar para sermos …

Disseram que era normal

Disseram que era normal

0

0,2

0,4

0,6

0,8

1

0,00% 20,00% 40,00% 60,00% 80,00% 100,00%

Total

Disseram que era normal

Disseram que tinha de participar para sermos amigos

Disseram que era só uma vez

Disseram que já era normal fazerem aquilo

Disseram que se não o fizesse me batiam a mim

Não disseram nada. Fui porque me apeteceu

N.º %

0 0,00

0 0,00

0 0,00

0 0,00

0 0,00

1 100,00

No Ensino Secundário, o aluno que sofreu Bullying e foi violento fora da Escola por se juntar a alguém, foi-o por vontade própria. O que te disseram esses colegas para seres violento?

O que te disseram esses colegas para seres violento?

1

100,00%

0,8

80,00%

0,6

60,00%

0,4

40,00%

0,2

20,00%

0,00%

0 Disseram que era normal

Disseram Disseram que tinha de que era só participar uma vez para sermos amigos

Disseram Disseram Disseram que era que tinha de que era só normal participar uma vez para sermos amigos

Disseram Disseram Não que já era que se não o disseram normal fizesse me nada. Fui fazerem batiam a mim porque me aquilo apeteceu

Secundário

Disseram que era normal

Disseram que tinha de participar para sermos amigos

N.º %

0 0,00

0 0,00

Disseram Disseram que já era que se não o normal fizesse me fazerem batiam a aquilo mim

Não disseram nada. Fui porque me apeteceu

Disseram que era só uma vez

Disseram que já era normal fazerem aquilo

Disseram que se não o fizesse me batiam a mim

Não disseram nada. Fui porque me apeteceu

0 0,00

0 0,00

0 0,00

1 100,00

4.20.- Já alguma vez foste violento com alguém na Escola? Dos 69 alunos que sofreram Bullying, 22 alunos (32,84%) já foram violentos com alguém na Escola e 45 (67,19%) nunca o foram. 2 alunos não indicaram este dado.

Violência Escolar

Página 97


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Já alguma vez foste violento com alguém na Escola?

Já alguma vez foste violento com alguém na Escola?

Não

Não

Sim

Sim

0

10

20

30

40

Total N.º %

50

0,00%

10,00%

20,00%

Sim 22 32,84

30,00%

40,00%

50,00%

60,00%

70,00%

Não 45 67,16

No Ensino Básico, dos 20 alunos que sofreram Bullying, 6 alunos (30,00%) já foram violentos com alguém na Escola e 14 (70,00%) nunca o foram. Já alguma vez foste violento com alguém na Escola?

Já alguma vez foste violento com alguém na Escola?

100,00%

15 10

50,00%

5

0,00%

0 Sim

Sim

Não

Básico N.º %

Sim 6 30,00

Não

Não 14 70,00

No Ensino Secundário, dos 49 alunos que sofreram Bullying, 16 alunos (34,04%) já foram violentos com alguém na Escola e 31 (65,96%) nunca o foram. 2 alunos não referiram este dado. Já alguma vez foste violento com alguém na Escola?

Já alguma vez foste violento com alguém na Escola?

35

70,00%

30

60,00%

25

50,00%

20

40,00%

15

30,00%

10

20,00%

5

10,00% 0,00%

0 Sim

Secundário N.º %

Violência Escolar

Sim

Não

Sim 16 34,04

Não

Não 31 65,96

Página 98


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

4.21.- Quantas vezes aconteceu essa situação de violência? Dos 22 alunos que sofreram Bullying e foram violentos na Escola, 13 alunos (61,90%) foram violentos 1 ou 2 vezes, 1 (4,76%) foi violento 2 ou 3 vezes e 7 (33,33%) foram violentos muitas vezes. 1 aluno não indicou este dado. Quantas vezes aconteceu essa situação de violência?

Quantas vezes aconteceu essa situação de violência?

Muitas vezes

Muitas vezes

Três ou quatro vezes

Três ou quatro vezes

Duas ou três vezes

Duas ou três vezes

Uma ou duas vezes

Uma ou duas vezes 0

Total N.º %

2

4

6

8

10

12

1 ou 2vezes 13 61,90

14

0,00%

2 ou 3 vezes 1 4,76

10,00% 20,00% 30,00% 40,00% 50,00% 60,00% 70,00%

3 ou 4 vezes 0 0,00

Muitas vezes 7 33,33

No Ensino Básico, dos 6 alunos que sofreram Bullying e foram violentos na Escola, 4 alunos (80,00%) foram violentos 1 ou 2 vezes e 1 (20,00%) foi violento muitas vezes. 1 aluno não referiu este dado. Quantas vezes aconteceu essa situação de violência?

Quantas vezes aconteceu essa situação de violência?

80,00% 60,00% 40,00% 20,00% 0,00%

4

3 2 1 0

Uma ou duas vezes

Básico N.º %

Duas ou três vezes

Três ou quatro vezes

Uma ou duas vezes

Muitas vezes

1 ou 2vezes 4 80,00

2 ou 3 vezes 0 0,00

Duas ou três vezes

3 ou 4 vezes 0 0,00

Três ou quatro vezes

Muitas vezes

Muitas vezes 1 20,00

No Ensino Secundário, dos 16 alunos que sofreram Bullying e foram violentos na Escola, 9 alunos (56,25%) foram violentos 1 ou 2 vezes, 1 (6,25%) foi violento 2 ou 3 vezes e 6 (37,50%) foram violentos muitas vezes. Quantas vezes aconteceu essa situação de violência?

Quantas vezes aconteceu essa situação de violência?

10

60,00%

8

50,00% 40,00%

6

30,00%

4

20,00%

2

10,00%

0

0,00% Uma ou duas vezes Duas ou três vezes

Três ou quatro vezes

Violência Escolar

Muitas vezes

Uma ou duas vezes Duas ou três vezes

Três ou quatro vezes

Muitas vezes

Página 99


Escola Secundária de Barcelinhos

Secundário N.º %

1 ou 2vezes 9 56,25

Ano Letivo 2017/2018

2 ou 3 vezes 1 6,25

3 ou 4 vezes 0 0,00

Muitas vezes 6 37,50

4.22.- De que forma foste violento com essa pessoa? Dos 22 alunos que sofreram Bullying e foram violentos na Escola, em 8 casos (22,86%) chamaram nomes, em 8 (22,86%) assustaram e meteram medo ao colega, em 10 (28,57%) bateram-lhe, em 5 (14,29%) ignoraram-no e não lhe falaram e em 4 (11,43%) foram violentos de outra forma. De que forma foste violento com essa pessoa?

De que forma foste violento com essa pessoa?

Outra forma

Outra forma

Ignorei-o e não lhe falei

Ignorei-o e não lhe falei

Bati-lhe

Bati-lhe

Tirei-lhe coisas dele

Tirei-lhe coisas dele

Assustei-o e meti-lhe medo

Assustei-o e meti-lhe medo

Chamei-lhe nomes

Chamei-lhe nomes 0

2

4

6

8

10

0,00%

Total

Chamei-lhe nomes

Assustei-o e meti-lhe medo

Tirei-lhe coisas dele

N.º %

8 22,86

8 22,86

0 0,00

5,00%

10,00%

15,00%

20,00%

25,00%

30,00%

Bati-lhe

Ignorei-o e não lhe falei

Outra forma

10 28,57

5 14,29

4 11,43

No Ensino Básico, dos 6 alunos que sofreram Bullying e foram violentos na Escola, 1 aluno (16,67%) chamou nomes, 3 (50,00%) bateram-lhe e 2 (33,33%) foram violentos de outra forma. De que forma foste violento com essa pessoa?

De que forma foste violento com essa pessoa?

60,00%

3

40,00%

2

20,00%

1

0,00%

0 Chamei-lhe nomes

Assustei-o e meti-lhe medo

Tirei-lhe coisas dele

Bati-lhe

Ignorei-o e não lhe falei

Chamei-lhe nomes

Outra forma

Assustei-o e meti-lhe medo

Tirei-lhe coisas dele

Bati-lhe

Ignorei-o e não lhe falei

Outra forma

Básico

Chamei-lhe nomes

Assustei-o e meti-lhe medo

Tirei-lhe coisas dele

Bati-lhe

Ignorei-o e não lhe falei

Outra forma

N.º %

1 16,67

0 0,00

0 0,00

3 50,00

0 0,00

2 33,33

No Ensino Secundário, dos 16 alunos que sofreram Bullying e foram violentos na Escola, em 7 casos (24,14%) chamaram nomes, em 8 (27,59%) assustaram e meteram medo ao colega, em 7 (24,14%) bateram-lhe, em 5 (17,24%) ignoraram-no e não lhe falaram e em 2 (6,90%) foram violentos de outra forma.

Violência Escolar

Página 100


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

De que forma foste violento com essa pessoa?

De que forma foste violento com essa pessoa? 30,00%

8 7 6 5 4 3 2 1 0

25,00% 20,00% 15,00%

10,00% 5,00% 0,00%

Chamei-lhe nomes

Assustei-o e meti-lhe medo

Tirei-lhe coisas dele

Bati-lhe

Ignorei-o e não lhe falei

Chamei-lhe Assustei-o e Tirei-lhe nomes meti-lhe coisas dele medo

Outra forma

Bati-lhe

Ignorei-o e Outra forma não lhe falei

Secundário

Chamei-lhe nomes

Assustei-o e meti-lhe medo

Tirei-lhe coisas dele

Bati-lhe

Ignorei-o e não lhe falei

Outra forma

N.º %

7 24,14

8 27,59

0 0,00

7 24,14

5 17,24

2 6,90

4.23.- O que sentiste quando foste violento com essa pessoa? Dos 22 alunos que sofreram Bullying e foram violentos na Escola, 4 alunos (18,18%) sentiram-se bem, 5 (22,73%) não sentiram nada, 3 (13,64%) sentiram-se mal e 10 (45,45%) sentiram-se arrependidos. O que sentiste quando foste violento com essa pessoa?

O que sentiste quando foste violento com essa pessoa?

Senti-me arrependido

Senti-me arrependido

Senti-me mal

Senti-me mal

Não senti nada

Não senti nada

Senti-me bem

Senti-me bem 0

2

4

6

8

Total

Senti-me bem

N.º %

4 18,18

10

0,00%

Não senti nada 5 22,73

10,00%

20,00%

Senti-me mal 3 13,64

30,00%

40,00%

50,00%

Senti-me arrependido 10 45,45

No Ensino Básico, dos 6 alunos que sofreram Bullying e foram violentos na Escola, 2 alunos (40,00%) não sentiram nada, 1 (20,00%) sentiu-se mal e 2 (40,00%) sentiram-se arrependidos. 1 aluno não indicou este dado. O que sentiste quando foste violento com essa pessoa?

O que sentiste quando foste violento com essa pessoa?

40,00% 30,00% 20,00% 10,00% 0,00%

2 1,5 1 0,5 0 Senti-me bem

Não senti nada

Violência Escolar

Senti-me mal

Senti-me arrependido

Senti-me bem

Não senti nada

Senti-me mal

Senti-me arrependido

Página 101


Escola Secundária de Barcelinhos

Básico

Senti-me bem

N.º %

0 0,00

Ano Letivo 2017/2018

Não senti nada 2 40,00

Senti-me mal 1 20,00

Senti-me arrependido 2 40,00

No Ensino Secundário, dos 16 alunos que sofreram Bullying e foram violentos na Escola, em 4 situações (23,53%) sentiram-se bem, em 3 (17,65%) não sentiram nada, em 2 (11,76%) sentiram-se mal e em 8 (47,06%) sentiram-se arrependidos. O que sentiste quando foste violento com essa pessoa?

O que sentiste quando foste violento com essa pessoa? 50,00%

8 7 6 5 4 3 2 1 0

40,00% 30,00%

20,00% 10,00% 0,00% Senti-me bem

Não senti nada

Senti-me mal

Senti-me arrependido

Secundário

Senti-me bem

N.º %

4 23,53

Senti-me bem

Não senti nada 3 17,65

Não senti nada

Senti-me mal

Senti-me mal 2 11,76

Senti-me arrependido

Senti-me arrependido 8 47,06

4.24.- Contaste a alguém sobre teres sido violento? Dos 22 alunos que sofreram Bullying e foram violentos na Escola, 15 alunos (71,43%) contaram o sucedido e 6 (28,57%) não contaram a ninguém. 1 aluno não indicou este dado. Contaste a alguém sobre teres sido violento?

Contaste a alguém sobre teres sido violento?

Não

Não

Sim

Sim

0

2

4

6

8

Total N.º %

10

12

14

Sim 15 71,43

16

0,00%

10,00% 20,00% 30,00% 40,00% 50,00% 60,00% 70,00% 80,00%

Não 6 28,57

No Ensino Básico, dos 6 alunos que sofreram Bullying e foram violentos na Escola, 1 aluno (20,00%) contou o sucedido e 4 (80,00%) não contaram a ninguém. 1 aluno não indicou este dado.

Violência Escolar

Página 102


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Contaste a alguém sobre teres sido violento?

Contaste a alguém sobre teres sido violento?

4

80,00%

3

60,00%

2

40,00%

1

20,00% 0,00%

0 Sim

Sim

Não

Básico N.º %

Não

Sim 1 20,00

Não 4 80,00

No Ensino Secundário, dos 16 alunos que sofreram Bullying e foram violentos na Escola, 14 alunos (87,50%) contaram o sucedido e 2 (12,50%) não contaram a ninguém. Contaste a alguém sobre teres sido violento?

Contaste a alguém sobre teres sido violento?

90,00% 80,00% 70,00% 60,00% 50,00% 40,00% 30,00% 20,00% 10,00% 0,00%

14 12 10 8 6 4 2 0 Sim

Sim

Não

Secundário N.º %

Não

Sim 14 87,50

Não 2 12,50

4.25.- A quem contaste? Dos 15 alunos que sofreram Bullying e foram violentos na Escola e contaram a alguém, em 2 casos (6,45%) contaram a uma professora ou professor, em 1 (3,23%) contou a um adulto que não professora ou professor, em 8 (25,81%) contaram à Mãe e/ou ao Pai, em 6 (19,35%) contaram à irmã e/ou ao irmão, em 10 (32,26%) a uma amiga e/ou amigo, em 3 (9,68%) a um familiar adulto e em 1 (3,23%) contou a outra pessoa. A quem contaste?

A quem contaste?

Outra pessoa

Outra pessoa

Familiar adulto

Familiar adulto

Amiga e / ou Amigo

Amiga e / ou Amigo

Irmã e / ou Irmão

Irmã e / ou Irmão Mãe e / ou Pai

Mãe e / ou Pai

Outro adulto da escola que não a professora ou …

Outro adulto da escola que não a professora ou o …

Professora / Professor

Professora / Professor 0

Violência Escolar

2

4

6

8

10

0,00% 5,00%10,00%15,00%20,00%25,00%30,00%35,00%

Página 103


Escola Secundária de Barcelinhos

Total

Professora /Professor

Outro adulto da escola que não a professora ou o professor

N.º %

2 6,45

1 3,23

Ano Letivo 2017/2018

Mãe e/ou Pai

Irmã e/ou Irmão

Amiga e/ou Amigo

Familiar adulto

Outra pessoa

8

6

25,81

19,35

10 32,26

3 9,68

1 3,23

No Ensino Básico, o aluno que sofreu Bullying e foi violentos na Escola e contou a alguém, contou à Mãe e/ou ao Pai. A quem contaste?

A quem contaste?

Professora /Professor

N.º %

0 0,00

0 0,00

Outra pessoa

Familiar adulto

Amiga e / ou Amigo

Irmã e / ou Irmão

Outro adulto da escola que não a professora ou o professor

Professora / Professor

Outra pessoa

Familiar adulto

Amiga e / ou Amigo

Irmã e / ou Irmão

Mãe e / ou Pai

Outro adulto da escola que não a professora ou o professor

Professora / Professor

Básico

Outro adulto da escola que não a professora ou o professor

Mãe e / ou Pai

100,00% 80,00% 60,00% 40,00% 20,00% 0,00%

1 0,8 0,6 0,4 0,2 0

Mãe e/ou Pai

Irmã e/ou Irmão

Amiga e/ou Amigo

Familiar adulto

Outra pessoa

1 100,00

0 0,00

0 0,00

0 0,00

0 0,00

No Ensino Secundário, dos 14 alunos que sofreram Bullying e foram violentos na Escola e contaram a alguém, em 2 casos (6,67%) contaram a uma professora ou professor, em 1 (3,33%) contou a um adulto que não professora ou professor, em 7 (23,33%) contaram à Mãe e/ou ao Pai, em 6 (20,00%) contaram à irmã e/ou ao irmão, em 10 (33,33%) a uma amiga e/ou amigo, em 3 (10,00%) a um familiar adulto e em 1 (3,33%) contou a outra pessoa. A quem contaste?

A quem contaste?

Outra pessoa

Familiar adulto

Amiga e / ou Amigo

Irmã e / ou Irmão

Mãe e / ou Pai

Outro adulto da escola que não a professora ou o professor

Outra pessoa

Familiar adulto

Amiga e / ou Amigo

Irmã e / ou Irmão

Mãe e / ou Pai

Outro adulto da escola que não a professora ou o professor

Professora / Professor

Violência Escolar

Professora / Professor

35,00% 30,00% 25,00% 20,00% 15,00% 10,00% 5,00% 0,00%

10 9 8 7 6 5 4 3 2 1 0

Página 104


Escola Secundária de Barcelinhos

Secundário

Professora /Professor

Outro adulto da escola que não a professora ou o professor

N.º %

2 6,67

1 3,33

Ano Letivo 2017/2018

Mãe e/ou Pai

Irmã e/ou Irmão

Amiga e/ou Amigo

Familiar adulto

Outra pessoa

7 23,33

6 20,00

10 33,33

3 10,00

1 3,33

4.26.- O que te disse essa pessoa a quem contaste? Dos 15 alunos que sofreram Bullying e foram violentos na Escola e contaram a alguém, em 2 casos (10,53%) foi dito para continuar, porque era normal, em 1 (5,26%) não ligaram ao que disse, em 6 (31,58%) disseram para não voltar a fazer o mesmo e em 10 (52,63%) disseram que tinham feito mal e explicaram o motivo. O que te disse essa pessoa a quem contaste?

O que te disse essa pessoa a quem contaste?

Disse-me que tinha feito mal e explicou porquê

Disse-me que tinha feito mal e explicou porquê

Disse-me para não voltar a fazer o mesmo

Disse-me para não voltar a fazer o mesmo

Não ligou ao que eu disse

Não ligou ao que eu disse

Disse-me para continuar, porque era normal

Disse-me para continuar, porque era normal 0

2

4

6

8

0,00% 10,00% 20,00%30,00% 40,00% 50,00%60,00%

10

Total

Disse-me para continuar, porque era normal

Não ligou ao que eu disse

N.º %

2 10,53

1 5,26

Disse-me para não voltar a fazer o mesmo 6 31,58

Disse-me que tinha feito mal e explicou porquê 10 52,63

No Ensino Básico, ao aluno que sofreu Bullying e foi violento na Escola, em 1 caso (50,00%) foi dito para não voltar a fazer o mesmo e em outro (50,00%) disseram que tinha feito mal e explicaram o motivo. O que te disse essa pessoa a quem contaste?

O que te disse essa pessoa a quem contaste?

60,00%

1

40,00%

0,5

20,00% 0,00%

0 Disse-me para continuar, porque era normal

Não ligou ao que eu disse

Disse-me para não voltar a fazer o mesmo

Violência Escolar

Disse-me que tinha feito mal e explicou porquê

Disse-me para continuar, porque era normal

Não ligou ao que eu disse

Disse-me para não voltar a fazer o mesmo

Disse-me que tinha feito mal e explicou porquê

Página 105


Escola Secundária de Barcelinhos

Disse-me para continuar, porque era normal 0 0,00

Básico N.º %

Ano Letivo 2017/2018

Disse-me para não voltar a fazer o mesmo 1 50,00

Não ligou ao que eu disse 0 0,00

Disse-me que tinha feito mal e explicou porquê 1 50,00

No Ensino Secundário, dos 14 alunos que sofreram Bullying e foram violentos na Escola e contaram a alguém, em 2 situações (11,76%) foi dito para continuar, porque era normal, em 1 (5,88%) não ligaram ao que disse, em 5 (29,41%) disseram para não voltar a fazer o mesmo e em 9 (52,94%) disseram que tinham feito mal e explicaram o motivo. O que te disse essa pessoa a quem contaste?

O que te disse essa pessoa a quem contaste? 60,00%

9 8 7 6 5 4 3 2 1 0

50,00%

40,00% 30,00%

20,00% 10,00% 0,00%

Disse-me para continuar, porque era normal

Disse-me para Não ligou ao que eu Disse-me para não Disse-me que tinha continuar, porque disse voltar a fazer o feito mal e explicou era normal mesmo porquê

Não ligou ao que eu Disse-me para não Disse-me que tinha disse voltar a fazer o feito mal e explicou mesmo porquê

Secundário N.º %

Disse-me para continuar, porque era normal 2 11,76

Não ligou ao que eu disse 1 5,88

Disse-me para não voltar a fazer o mesmo 5 29,41

Disse-me que tinha feito mal e explicou porquê 9 52,94

4.27.- Quando foste violento com outra pessoa na Escola, isso aconteceu por te juntares a outros colegas? Dos 21 alunos que sofreram Bullying e foram violentos na Escola, 1 aluno (4,76%) foi violento por se juntar a outros colegas e 20 (95,24%) foram- -no sem se juntarem a ninguém. 1 aluno não indicou este dado. Quando foste violento com outra pessoa na Escola , isso aconteceu por te juntares a outros colegas?

Quando foste violento com outra pessoa na Escola , isso aconteceu por te juntares a outros colegas?

Não

Não

Sim

Sim

0

5

10

Total N.º %

Violência Escolar

15

20

Sim 1 4,76

0,00%

20,00%

40,00%

60,00%

80,00%

100,00%

Não 20 95,24

Página 106


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

No Ensino Básico, dos 6 alunos que sofreram Bullying e foram violentos na Escola, 1 aluno (20,00%) foi violento por se juntar a outros colegas e 4 (80,0%) foram-no sem se juntarem a ninguém. 1 aluno não indicou este dado. Quando foste violento com outra pessoa na Escola , isso aconteceu por te juntares a outros colegas?

Quando foste violento com outra pessoa na Escola , isso aconteceu por te juntares a outros colegas?

4

100,00%

2

50,00% 0,00%

0 Sim

Sim

Não

Básico N.º %

Não

Sim 1 20,00

Não 4 80,00

No Ensino Secundário, todos os 16 alunos que sofreram Bullying e foram violentos na Escola, foram-no sem se juntarem a ninguém. Quando foste violento com outra pessoa na Escola , isso aconteceu por te juntares a outros colegas?

Quando foste violento com outra pessoa na Escola , isso aconteceu por te juntares a outros colegas?

100,00%

20

80,00%

15

60,00%

10

40,00%

5

20,00% 0,00%

0 Sim

Sim

Não

Secundário N.º %

Não

Sim 0 0,00

Não 16 100,00

4.28.- O que te disseram esses colegas para seres violento? O aluno que sofreu Bullying e foi violento na Escola por se juntar a outros colegas, foi com outros colegas por terem dito que se não o fizesse lhe batiam. O que te disseram esses colegas para seres violento?

O que te disseram esses colegas para seres violento?

Não disseram nada. Fui porque me apeteceu

Não disseram nada. Fui porque me apeteceu

Disseram que se não o fizesse me batiam a mim

Disseram que se não o fizesse me batiam a mim

Disseram que já era normal fazerem aquilo

Disseram que já era normal fazerem aquilo

Disseram que era só uma vez

Disseram que era só uma vez

Disseram que tinha de participar para sermos…

Disseram que tinha de participar para sermos …

Disseram que era normal

Disseram que era normal

0

Violência Escolar

0,2

0,4

0,6

0,8

1

0,00% 20,00% 40,00% 60,00% 80,00% 100,00%

Página 107


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Total

Disseram que era normal

Disseram que tinha de participar para sermos amigos

Disseram que era só uma vez

Disseram que já era normal fazerem aquilo

Disseram que se não o fizesse me batiam a mim

Não disseram nada. Fui porque me apeteceu

N.º %

0 0,00

0 0,00

0 0,00

0 0,00

1 100,00

0 0,00

No Ensino Básico, o aluno que sofreu Bullying e foi violento na Escola por se juntar a colegas, foi com outros colegas por terem dito que se não o fizesse lhe batiam. O que te disseram esses colegas para seres violento?

O que te disseram esses colegas para seres violento?

1

100,00%

0,5

50,00% 0,00%

0

Disseram que era normal

Disseram que Disseram que Disseram que Disseram que Disseram que Não disseram era normal tinha de era só uma já era normal se não o nada. Fui participar vez fazerem fizesse me porque me para sermos aquilo batiam a mim apeteceu amigos

Básico

Disseram que era normal

Disseram que tinha de participar para sermos amigos

N.º %

0 0,00

0 0,00

Disseram que tinha de participar para sermos amigos

Disseram que era só uma vez

Disseram que já era normal fazerem aquilo

Disseram que se não o fizesse me batiam a mim

Não disseram nada. Fui porque me apeteceu

Disseram que era só uma vez

Disseram que já era normal fazerem aquilo

Disseram que se não o fizesse me batiam a mim

Não disseram nada. Fui porque me apetece u

0 0,00

0 0,00

1 100,00

0 0,00

4.29.- Alunos que sofreram Bullying e Cyberbullying? Dos 69 alunos que foram vítima de Bullying, 8 (11,59%) também já foram vítimas de Cyberbullying e 61 (88,41%) nunca o foram. Alguma vez foste vítima de Ciberbullying?

Alguma vez foste vítima de Ciberbullying?

Não

Não

Sim

Sim

0

10

20

30

Total N.º %

Violência Escolar

40

50

60

Sim 8 11,59

70

0,00%

20,00%

40,00%

60,00%

80,00%

100,00%

Não 61 88,41

Página 108


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

No Ensino Básico, dos 20 alunos que foram vítimas de BullyingI, 2 (10,00%) também foram ítimas de Cyberbullying e 18 (90,00%) nunca o foram. Alguma vez foste vítima de Ciberbullying?

Alguma vez foste vítima de Ciberbullying?

100,00%

20 15

50,00%

10 5

0,00%

0 Sim

Sim

Não

Básico N.º %

Não

Sim 2 10,00

Não 18 90,00

No Ensino Secundário, dos 49 alunos que foram vítimas de BullyingI, 6 (12,24%) também foram vítimas de Cyberbullying e 43 (87,76%) nunca o foram. Alguma vez foste vítima de Ciberbullying?

Alguma vez foste vítima de Ciberbullying?

90,00% 80,00% 70,00% 60,00% 50,00% 40,00% 30,00% 20,00% 10,00% 0,00%

45 40 35 30 25 20 15 10 5 0 Sim

Secundário N.º %

Violência Escolar

Sim

Não

Sim 6 12,24

Não

Não 43 87,76

Página 109


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Alunos que sofreram Cyberbullying

Violência Escolar

Página 110


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

5.- Caracterização dos alunos que sofreram Cyberbullying. 5.1.- Por idade. Dos 9 alunos que sofreram Cyberbullying, 1 (11,11%) tem 13 anos, 1 (11,11%) tem 14 anos, 2 (22,22%) têm 15 anos e 2 (22,22%) têm 16 anos. A maior concentração de alunos que sofreram Cyberbullying situa-se nos 17 anos de idade, com 3 casos (33,33%). Idade

Idade

19

19

18

18

17

17

16

16

15

15

14

14

13

13

12

12 0

0,5

1

Total N.º %

1,5

2

2,5

13 1 11,11

3

14 1 11,11

0,00%

5,00%

10,00%

15,00%

15 2 22,22

20,00%

25,00%

30,00%

16 2 22,22

35,00%

17 3 33,33

No Ensino Básico, dos 2 alunos que sofreram Cyberbullying, 1 (50,00%) tem 13 anos e 1 (50,00%) tem 14 anos. Idade

Idade

60,00%

1

40,00% 0,5

20,00% 0,00%

0 11

12

13

14

Básico N.º %

15

11

16

12

13

13 1 50,00

14

15

16

14 1 50,00

No Ensino Secundário, dos 7 alunos que sofreram Cyberbullying, 2 (28,57%) têm 15 anos, 2 (28,57%) têm 16 anos e 3 (42,86%) têm 17 anos. Idade

Idade 45,00%

3

40,00%

2,5

35,00% 30,00%

2

25,00%

1,5

20,00% 15,00%

1

10,00%

0,5

5,00%

0

0,00% 15

16

17

18

Violência Escolar

19

20

21

22

15

16

17

18

19

20

21

22

Página 111


Escola Secundária de Barcelinhos

Secundário N.º %

15 2 28,57

Ano Letivo 2017/2018

16 2 28,57

17 3 42,86

5.2.- Por género. Dos 9 alunos que sofreram Cyberbullying, 8 (88,89%) são do género feminino e 1 (11,11%) é do género masculino. Género

Género

Rapaz

Rapaz

Rapariga

Rapariga

0

2

4

6

Total N.º %

0,00%

8

20,00%

40,00%

60,00%

Rapariga 8 88,89

80,00%

100,00%

Rapaz 1 11,11

No Ensino Básico, dos 2 alunos que sofreram Cyberbullying, ambos (100,00%) são do género feminino. Género

Género

100,00%

2 1,5

50,00%

1 0,5

0,00%

0 Rapariga

Básico N.º %

Rapariga

Rapaz

Rapariga 2 100,00

Rapaz

Rapaz 0 0,00

No Ensino Secundário, dos 7 alunos que sofreram Cyberbullying, 6 (85,71%) são do género feminino e 1 (14,29%) é do género masculino.

Violência Escolar

Página 112


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Género

Género

90,00% 80,00% 70,00% 60,00% 50,00% 40,00% 30,00% 20,00% 10,00% 0,00%

6 5 4 3 2

1 0

Rapariga

Rapariga

Rapaz

Secundário N.º %

Rapaz

Rapariga 6 85,71

Rapaz 1 14,29

5.3.- Por ano de escolaridade. Dos 9 alunos que sofreram Cyberbullying, 2 (22,22%) são do 8.º ano, 4 (44,44%) são do 10.º ano, 1 (11,11%) é do 11.º ano e 2 (22,22%) são do 12.º ano. Foi no Ensino Regular, com 7 casos (77,78%) contra os 2 (22,22%) do Ensino Profissional, que se concentra o maior número de ocorrências. Ano de Escolaridade

Ano de Escolaridade

Profissional

Profissional

Regular

Regular

12.º

12.º

11.º

11.º

10.º

10.º

9.º

9.º

8.º

8.º

7.º

7.º 0

Total N.º %

1

2

3

7.º 0 0,00

4

5

8.º 2 22,22

6

9.º 0 0,00

7

10.º 4 44,44

0,00% 10,00% 20,00% 30,00% 40,00% 50,00% 60,00% 70,00% 80,00%

11.º 1 11,11

12.º 2 22,22

Regular Profissional 7 2 77,78 22,22

No Ensino Básico, dos 2 alunos que sofreram Cyberbullying, ambos (100,00%) são do 8.º ano e do Ensino Regular. Ano de Escolaridade

Ano de Escolaridade

100,00%

2 1,5

50,00%

1 0,5

0,00%

0 7.º

Básico N.º %

8.º

9.º

7.º 0 0,00

Violência Escolar

Regular

Profissional

CEF

8.º 2 100,00

7.º

8.º

9.º 0 0,00

9.º

Regular

Profissional

CEF

Regular 2 100,00 Página 113


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

No Ensino Secundário, dos 7 alunos que sofreram Cyberbullying, 4 (57,14%) são do 10.º ano, 1 (14,29) é do 11.º ano e 2 (28,57%) são do 12.º ano. É no Ensino Regular, com 5 casos (71,43%) contra os 2 (28,57%) do Ensino Profissional, que se concenta o maior número de ocorrências. Ano de Escolaridade

Ano de Escolaridade 80,00%

5 4,5 4 3,5 3 2,5 2 1,5 1 0,5 0

70,00% 60,00%

50,00% 40,00% 30,00%

20,00% 10,00% 0,00%

10.º

11.º

Secundário N.º %

12.º

Regular

Profissional

10.º 4 57,14

10.º

CEF

11.º 1 14,29

11.º

12.º 2 28,57

12.º

Regular

Regular 5 71,43

Profissional

CEF

Profissional 2 28,57

5.4.- Percurso escolar. Dos 9 alunos que sofreram Cyberbullying, 1 (11,11%) já reprovou e 8 (88,89%) nunca reprovaram. Ao único aluno que reprovou (100,00%) isso aconteceu 1 só vez. Já alguma vez reprovaste?

Já alguma vez reprovaste?

Não

Não

Sim

Sim

0

2

4

6

8

0,00%

20,00%

Quantas vezes reprovaste?

Cinco ou mais vezes

Três ou quatro vezes

Três ou quatro vezes

Duas Vezes

Duas Vezes

Uma vez

Uma vez 0,2

Total N.º % Total N.º %

0,4

0,6

0,8

1

0,00%

20,00%

Sim 1 11,11 1 vez 1 100,00

Violência Escolar

60,00%

80,00%

100,00%

Quantas vezes reprovaste?

Cinco ou mais vezes

0

40,00%

40,00%

60,00%

80,00% 100,00%

Não 8 88,89 2 vezes 0 0,00

3 ou 4 vezes 0 0,00

5 ou + vezes 0 0,00

Página 114


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

No Ensino Básico, dos 2 alunos que sofreram Cyberbullying, 1 (50,00%) já reprovou e outro (50,00%) nunca reprovou. Ao aluno que reprovou (100,00%) isso aconteceu 1 só vez. Já alguma vez reprovaste?

Já alguma vez reprovaste?

60,00%

1

40,00% 0,5

20,00% 0,00%

0 Sim

Sim

Não

Quantas vezes reprovaste?

Não

Quantas vezes reprovaste?

100,00%

1 0,8

80,00%

0,6

60,00%

0,4

40,00%

0,2

20,00%

0,00%

0

Uma vez

Duas Vezes

Três ou quatro vezes

Básico N.º %

Uma vez

Cinco ou mais vezes

Duas Vezes

Sim 1 50,00

Básico N.º %

1 vez 1 100,00%

Três ou quatro vezes

Cinco ou mais vezes

Não 1 50,00 2 vezes 0 0,00

3 ou 4 vezes 0 0,00

5 ou + vezes 0 0,00

No Ensino Secundário, dos 7 alunos que sofreram Cyberbullying, nenhum reprovou. Já alguma vez reprovaste?

Já alguma vez reprovaste?

100,00%

7

6

80,00%

5 4

60,00%

3

40,00%

2

20,00%

1

0,00%

0 Sim

Secundário N.º %

Sim

Não

Sim 0 0,00

Não

Não 7 100,00

5.5.- Já ouviste falar em Bullying e/ou em Cyberbullying? Dos 9 alunos que sofreram Cyberbullying, 2 (22,22%) já tinham ouvido falar só de Bullying e 7 (77,78%) já tinham ouvido falar tanto de Bullying como de Cyberbullying.

Violência Escolar

Página 115


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Já ouviste falar em Bullying e/ou em Ciberbullying?

Já ouviste falar em Bullying e/ou em Ciberbullying?

Não

Não

Sim, do Ciberbullying

Sim, do Ciberbullying

Sim, de ambos

Sim, de ambos

Sim, do Bullying

Sim, do Bullying

0

Total N.º %

1

2

3

Sim, do Bullying 2 22,22

4

5

6

7

0,00%

Sim, de ambos 7 77,78

20,00%

40,00%

60,00%

Sim, do Cyberbullying 0 0,00

80,00%

Não 0 0,00

No Ensino Básico, dos 2 alunos que sofreram Cyberbullying, todos (100,00%) já tinham ouvido falar tanto de Bullying como de Cyberbullying. Já ouviste falar em Bullying e/ou em Ciberbullying?

Já ouviste falar em Bullying e/ou em Ciberbullying?

100,00%

2 1,5 1 0,5 0

50,00% 0,00%

Sim, do Bullying

Básico N.º %

Sim, de ambos

Sim, do Ciberbullying

Sim, do Bullying

Não

Sim, do Bullying 0 0,00

Sim, de ambos 2 100,00

Sim, de ambos

Sim, do Ciberbullying

Não

Sim, do Cyberbullying

Não

0 0,00

0 0,00

No Ensino Secundário, dos 7 alunos que sofreram Cyberbullying, 2 (28,57%) só tinham ouvido falar de Bullying e 5 (71,43%) já tinham ouvido falar tanto de Bullying como de Cyberbullying. Já ouviste falar em Bullying e/ou em Ciberbullying?

Já ouviste falar em Bullying e/ou em Ciberbullying? 80,00% 70,00% 60,00% 50,00% 40,00% 30,00% 20,00% 10,00% 0,00%

5 4 3 2 1 0 Sim, do Bullying

Secundário N.º %

Sim, de ambos

Sim, do Ciberbullying

Não

Sim, do Bullying 2 28,57

Violência Escolar

Sim, do Bullying

Sim, de ambos

Sim, do Ciberbullying

Sim, de ambos Sim, do Cyberbullying 5 0 71,43 0,00

Não

Não 0 0,00

Página 116


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

5.6.- Na tua escola alguém já te informou sobre o Bullying e/ou o Cyberbullying? Quem te informou sobre Bullying e/ou o Cyberbullying na escola? Dos 9 alunos que sofreram Cyberbullying, todos ouviram falar de Bullying e Cyberbullying enquanto frequentavam a escola. Em 4 dos casos (26,67%) receberam a informação através de uma professora ou de um professor, 7 (46,67%) informou-se numa atividade de sensibilização/palestra e 4 (26,67%) foi informado pela Escola Segura. Na tua escola alguém já te informou sobre o Bullying e/ou o Ciberbullying?

Na tua escola alguém já te informou sobre o Bullying e/ou o Ciberbullying?

Não

Não

Sim, sobre o Ciberbullying

Sim, sobre o Ciberbullying

Sim, sobre ambos

Sim, sobre ambos

Sim, sobre o Bullying

Sim, sobre o Bullying

0

2

4

6

8

10

0,00% 20,00% 40,00% 60,00% 80,00% 100,00%

Quem te informou sobre o Bullying e/ou o Ciberbullying na tua escola?

Quem te informou sobre o Bullying e/ou o Ciberbullying na tua escola?

Outro

Outro

Associação de Pais

Associação de Pais

Escola Segura

Escola Segura

Atividade de sensibilização / Palestra

Atividade de sensibilização / Palestra

Professor / a

Professor / a

0

Total N.º %

1

2

3

4

Sim, sobre o Bullying 0 0,00

5

6

0,00% 10,00%20,00%30,00%40,00%50,00%

7

Sim, sobre ambos 9 100,00

Sim, sobre o Cyberbullying 0 0,00

Não 0 0,00

Total

Professor/a

Atividade de sensibilização / Palestra

Escola Segura

Associação de Pais

Outro

N.º %

4 26,67

7 46,67

4 26,67

0 0,00

0 0,00

No Ensino Básico, dos 2 alunos que sofreram Cyberbullying, ambos (100,00%) ouviram falar de Bullying e Cyberbullying enquanto frequentavam a escola. Afirmaram ter tomado conhecimento destas realidade do Bullying e/ou do Cyberbullying, em 2 situações (40,00%) através de uma professora ou de um professor, em outras 2 situações (40,00%) informaram-se numa atividade de sensibilização/palestra e em 1 situação (20,00%) informou-se pela Escola Segura.

Violência Escolar

Página 117


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Na tua escola alguém já te informou sobre o Bullying e/ou o Ciberbullying?

Na tua escola alguém já te informou sobre o Bullying e/ou o Ciberbullying?

100,00%

2 1,5 1 0,5 0

50,00% 0,00%

Sim, sobre o Bullying

Sim, sobre ambos

Sim, sobre o Ciberbullying

Sim, sobre o Bullying

Não

Quem te informou sobre o Bullying e/ou o Ciberbullying na tua escola?

Sim, sobre ambos

Sim, sobre o Ciberbullying

Não

Quem te informou sobre o Bullying e/ou o Ciberbullying na tua escola?

2

40,00%

1,5

30,00%

1

20,00%

0,5

10,00%

0,00%

0 Professor / a

Atividade de sensibilização / Palestra

Básico N.º %

Escola Segura

Associação de Pais

Professor / a

Outro

Sim, sobre o Bullying 0 0,00

Sim, sobre ambos 2 100,00

Atividade de Escola Segura sensibilização / Palestra

Associação de Pais

Sim, sobre o Cyberbullying 0 0,00

Outro

Não 0 0,00

Básico

Professor/a

Atividade de sensibilização / Palestra

Escola Segura

Associação de Pais

Outro

N.º %

2 40,00

2 40,00

1 20,00

0 0,00

0 0,00

No Ensino Secundário, dos 7 alunos que sofreram Cyberbullying, todos (100,00%) disseram que na escola tinham ouvido falar de Bullying e Cyberbullying. Afirmaram ter tomado conhecimento destas realidade do Bullying e/ou do Cyberbullying, em 2 situações (20,00%) através de uma professora ou de um professor, em 5 situações (50,00%) informaram-se numa atividade de sensibilização/palestra e em 3 (30,00%) foram informados pela Escola Segura. Na tua escola alguém já te informou sobre o Bullying e/ou o Ciberbullying?

Na tua escola alguém já te informou sobre o Bullying e/ou o Ciberbullying? 100,00%

7 6

80,00%

5 4

60,00%

3

40,00%

2

20,00%

1 0

0,00% Sim, sobre o Bullying

Sim, sobre ambos

Sim, sobre o Ciberbullying

Violência Escolar

Não

Sim, sobre o Bullying

Sim, sobre ambos

Sim, sobre o Ciberbullying

Não

Página 118


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Quem te informou sobre o Bullying e/ou o Ciberbullying na tua escola?

Quem te informou sobre o Bullying e/ou o Ciberbullying na tua escola? 50,00%

5 4

40,00%

3

30,00%

2

20,00%

1

10,00%

0

0,00% Professor / a

Atividade de Escola Segura sensibilização / Palestra

Associação de Pais

Sim, sobre o Bullying 0 0,00

Secundário N.º %

Professor / a

Outro

Sim, sobre ambos 7 100,00

Secundário

Professor/a

Atividade de sensibilização / Palestra

N.º %

2 20,00

5 50,00

Atividade de Escola Segura Associação de sensibilização / Pais Palestra

Sim, sobre o Cyberbullying 0 0,00

Outro

Não 0 0,00

Escola Segura

Associação de Pais

Outro

3 30,00

0 0,00

0 0,00

5.7.- Em casa os teus pais já te falaram sobre Bullying e/ou Cyberbullying? Dos 9 alunos que sofreram Cyberbullying, todos (100,00%) falaram em casa sobre Bullying e Cyberbullying. Em casa os teus pais já te falaram sobre o Bullying e/ou o Ciberbullying?

Em casa os teus pais já te falaram sobre o Bullying e/ou o Ciberbullying?

Não

Não

Sim, sobre o Ciberbullying

Sim, sobre o Ciberbullying

Sim, sobre ambos

Sim, sobre ambos

Sim, sobre o Bullying

Sim, sobre o Bullying

0

2

Total N.º %

4

6

8

10

Sim, sobre Bullying 0 0,00

0,00% 20,00% 40,00% 60,00% 80,00% 100,00%

Sim, sobre ambos 9 100,00

Sim, sobre Cyberbullying 0 0,00

Não 0 0,00

No Ensino Básico, dos 2 alunos que sofreram Cyberbullying, ambos (100,00%) falaram em casa sobre Bullying e Cyberbullying.

Violência Escolar

Página 119


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Em casa os teus pais já te falaram sobre o Bullying e/ou o Ciberbullying?

Em casa os teus pais já te falaram sobre o Bullying e/ou o Ciberbullying?

100,00%

2 1,5 1 0,5 0

50,00% 0,00% Sim, sobre o Bullying

Sim, sobre ambos

Sim, sobre o Ciberbullying

Sim, sobre o Bullying

Não

Sim, sobre Bullying 0 0,00

Básico N.º %

Sim, sobre ambos 2 100,00

Sim, sobre ambos

Sim, sobre o Ciberbullying

Sim, sobre Cyberbullying 0 0,00

Não

Não 0 0,00

No Ensino Secundário, dos 7 alunos que sofreram Cyberbullying, todos os alunos (100,00%) falaram em casa sobre Bullying e Cyberbullying. Em casa os teus pais já te falaram sobre o Bullying e/ou o Ciberbullying?

Em casa os teus pais já te falaram sobre o Bullying e/ou o Ciberbullying? 100,00%

7 6

80,00%

5

60,00%

4 3

40,00%

2

20,00%

1 0

0,00% Sim, sobre o Bullying

Sim, sobre ambos

Sim, sobre o Ciberbullying

Sim, sobre o Bullying

Não

Sim, sobre Bullying 0 0,00

Secundário N.º %

Sim, sobre ambos 7 100,00

Sim, sobre ambos

Sim, sobre o Ciberbullying

Sim, sobre Cyberbullying 0 0,00

Não

Não 0 0,00

5.8.- Os professores e / ou os adultos da escola separam os alunos quando há situações de Bullying? Dos 9 alunos que sofreram Cyberbullying, 2 alunos (22,22%) afirmaram que essa situação acontece sempre, 2 (22,22%) referiram que a situação acontece frequentemente, 2 (22,22%) confirmaram que isso acontece por vezes, 1 (11,11%) declararam que quase nunca acontece e em 2 situações (22,22%) essa separação nunca surgiu. Os professores e / ou os adultos da escola separam os alunos quando há situações de Bullying?

Os professores e / ou os adultos da escola separam os alunos quando há situações de Bullying?

Nunca

Nunca

Quase nunca

Quase nunca

Por vezes

Por vezes

Frequentemente

Frequentemente

Sempre

Sempre

0

0,5

Violência Escolar

1

1,5

2

0,00%

5,00%

10,00%

15,00%

20,00%

25,00%

Página 120


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Total

Sempre

Frequentemente

Por vezes

N.º %

2 22,22

2 22,22

2 22,22

Quase nunca 1 11,11

Nunca 2 22,22

No Ensino Básico, dos 2 alunos que sofreram Cyberbullying, ambos (100,00%) afirmaram que essa situação acontece sempre. Os professores e / ou os adultos da escola separam os alunos quando há situações de Bullying?

Os professores e / ou os adultos da escola separam os alunos quando há situações de Bullying? 100,00%

2 1,5 1 0,5 0

50,00% 0,00%

Básico

Sempre

Frequentemente

Por vezes

N.º %

2 100,00

0 0,00

0 0,00

Quase nunca 0 0,00

Nunca 0 0,00

No Ensino Secundário, dos 7 alunos que sofreram Cyberbullying, 1 aluno (14,29%) afirmou que essa situação acontece sempre, 3 (42,86%) referiram que a situação acontece frequentemente, 2 (28,57%) confirmaram que isso acontece por vezes e 1 (14,29%) declararam que quase nunca acontece. Os professores e / ou os adultos da escola separam os alunos quando há situações de Bullying?

Os professores e / ou os adultos da escola separam os alunos quando há situações de Bullying? 30,00% 25,00% 20,00% 15,00% 10,00% 5,00% 0,00%

2 1,5 1 0,5 0

Secundário

Sempre

Frequentemente

Por vezes

N.º %

1 14,29

3 42,86

2 28,57

Quase nunca 1 14,29

Nunca 0 0,00

5.9.- Os alunos ajudam outros alunos vítimas de Bullying? Dos 9 alunos que sofreram Cyberbullying, 2 alunos (22,22%) afirmaram que essa situação acontece sempre, 3 (33,33%) referiram que a situação acontece frequentemente, 3 (33,33%) confirmaram que isso acontece por vezes e 1 (11,11%) declarou que quase nunca acontece.

Violência Escolar

Página 121


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Os alunos ajudam outros alunos vítimas de Bullying?

Os alunos ajudam outros alunos vítimas de Bullying?

Nunca

Nunca

Quase nunca

Quase nunca

Por vezes

Por vezes

Frequentemente

Frequentemente

Sempre

Sempre 0

0,5

1

1,5

2

2,5

3

0,00%

5,00%

Total

Sempre

Frequentemente

Por vezes

N.º %

2 22,22

3 33,33

3 33,33

10,00%

15,00%

20,00%

Quase nunca 1 11,11

25,00% 30,00% 35,00%

Nunca 0 0,00

No Ensino Básico, dos 2 alunos que sofreram Cyberbullying, 1 aluno (50,00%) afirmou que essa situação acontece sempre e 1 (50,00%) referiu que a situação acontece por vezes. Os alunos ajudam outros alunos vítimas de Bullying?

Os alunos ajudam outros alunos vítimas de Bullying?

50,00% 40,00% 30,00% 20,00% 10,00% 0,00%

1 0,8 0,6 0,4 0,2 0

Básico

Sempre

Frequentemente

Por vezes

N.º %

1 50,00

0 0,00

1 50,00

Quase nunca 0 0,00

Nunca 0 0,00

No Ensino Secundário, dos 7 alunos que sofreram Cyberbullying, 1 aluno (14,29%) afirmou que essa situação acontece sempre, 3 (42,86%) referiram que a situação acontece frequentemente, 2 (28,57%) confirmaram que isso acontece por vezes e 1 (14,29%) declarou que quase nunca acontece. Os alunos ajudam outros alunos vítimas de Bullying? 3 2,5 2 1,5 1 0,5 0

Violência Escolar

Os alunos ajudam outros alunos vítimas de Bullying? 45,00% 40,00% 35,00% 30,00% 25,00% 20,00% 15,00% 10,00% 5,00% 0,00%

Página 122


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Secundário

Sempre

Frequentemente

Por vezes

N.º %

1 14,29

3 42,86

2 28,57

Quase nunca 1 14,29

Nunca 0 0,00

5.10.- O que sentes quando vês uma/um colega a ser vítima de Bullying? Dos 9 alunos que sofreram Cyberbullying, em 1 caso (9,09%) sente que essa pessoa talvez tenha feito alguma coisa para merecer, em 2 (18,18%) sentem muita pena e querem ajudar e em 8 (72,73%) sentem-se revoltadas/os e ajudam a vítima a defender-se. O que sentes quando vês uma / um colega a ser vítima de Bullying?

O que sentes quando vês uma / um colega a ser vítima de Bullying?

Sinto-me revoltada / o e ajudo a vítima a …

Sinto-me revoltada / o e ajudo a vítima a …

Sinto-me revoltada / o, mas não ajudo

Sinto-me revoltada / o, mas não ajudo

Sinto muita pena e quero ajudar

Sinto muita pena e quero ajudar

Sinto um pouco de pena

Sinto um pouco de pena

Não sinto nada

Não sinto nada

Sinto que essa pessoa talvez tenha feito alguma …

Sinto que essa pessoa talvez tenha feito …

0

1

2

3

4

5

6

7

8

0,00%10,00%20,00%30,00%40,00%50,00%60,00%70,00%80,00%

Total

Sinto que essa pessoa talvez tenha feito alguma coisa para merecer

Não sinto nada

Sinto um pouco de pena

Sinto muita pena e quero ajudar

Sinto-me revoltada/o, mas não ajudo

Sinto-me revoltada/o e ajudo a vítima a defender-se

N.º %

1 9,09

0 0,00

0 0,00

2 18,18

0 0,00

8 72,73

No Ensino Básico, dos 2 alunos que sofreram Cyberbullying, em 1 situação (33,33%) sente muita pena e quer ajudar e em 2 (66,67%) sentem-se revoltadas/os e ajudam a vítima a defender-se. O que sentes quando vês uma / um colega a ser vítima de Bullying?

O que sentes quando vês uma / um colega a ser vítima de Bullying?

Sinto-me revoltada / o e ajudo a vítima a defender-se

Sinto-me revoltada / o, mas não ajudo

Sinto muita pena e quero ajudar

Sinto um pouco de pena

Não sinto nada

Sinto-me revoltada / o e ajudo a vítima a defender-se

Sinto-me revoltada / o, mas não ajudo

Sinto muita pena e quero ajudar

Sinto um pouco de pena

Não sinto nada

Sinto que essa pessoa talvez tenha feito alguma coisa para …

Sinto que essa pessoa talvez tenha feito alguma coisa para…

80,00% 60,00% 40,00% 20,00% 0,00%

2 1,5 1 0,5 0

Básico

Sinto que essa pessoa talvez tenha feito alguma coisa para merecer.

Não sinto nada.

Sinto um pouco de pena

Sinto muita pena e quero ajudar

Sinto-me revoltada/o, mas não ajudo

Sinto-me revoltada/o e ajudo a vítima a defender-se

N.º %

0 0,00

0 0,00

0 0,00

1 33,33

0 0,00

2 66,67

No Ensino Secundário, dos 7 alunos que sofreram Cyberbullying, em 1 caso (12,50%) sente que essa pessoa talvez tenha feito alguma coisa para merecer, em 1 caso Violência Escolar

Página 123


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

(12,50%) sente muita pena e quer ajudar e em 6 (75,00%) sentem-se revoltadas/os e ajudam a vítima a defender-se. O que sentes quando vês uma / um colega a ser vítima de Bullying?

O que sentes quando vês uma / um colega a ser vítima de Bullying?

Sinto-me revoltada / o e ajudo a vítima a defender-se

Sinto-me revoltada / o, mas não ajudo

Sinto muita pena e quero ajudar

Sinto um pouco de pena

Sinto que essa pessoa talvez tenha feito alguma coisa para…

Sinto-me revoltada / o e ajudo a vítima a defender-se

Sinto-me revoltada / o, mas não ajudo

Sinto muita pena e quero ajudar

Sinto um pouco de pena

Não sinto nada

Sinto que essa pessoa talvez tenha feito alguma coisa para …

Não sinto nada

80,00% 70,00% 60,00% 50,00% 40,00% 30,00% 20,00% 10,00% 0,00%

6 5 4 3 2 1 0

Secundário

Sinto que essa pessoa talvez tenha feito alguma coisa para merecer.

Não sinto nada.

Sinto um pouco de pena

Sinto muita pena e quero ajudar

Sinto-me revoltada/o, mas não ajudo

Sinto-me revoltada/o e ajudo a vítima a defender-se

N.º %

1 12,50

0 0,00

0 0,00

1 12,50

0 0,00

6 75,00

5.11.- Já alguma vez foste violento com alguém fora da Escola? Dos 9 alunos que sofreram Cyberbullying, 4 alunos (44,44%) já foram violentos com alguém fora da Escola e 5 (55,56%) nunca o foram. Já alguma vez foste violento com alguém fora da Escola?

Já alguma vez foste violento com alguém fora da Escola?

Não

Não

Sim

Sim

0

1

2

3

4

Total N.º %

5

0,00%

10,00%

20,00%

Sim 4 44,44

30,00%

40,00%

50,00%

60,00%

Não 5 55,56

No Ensino Básico, dos 2 alunos que sofreram Cyberbullying, 1 aluno (50,00%) já foi violento com alguém fora da Escola e 1 (50,00%) nunca o foi. Já alguma vez foste violento com alguém fora da Escola?

Já alguma vez foste violento com alguém fora da Escola?

60,00%

1

40,00%

0,5

20,00% 0,00%

0 Sim

Violência Escolar

Não

Sim

Não

Página 124


Escola Secundária de Barcelinhos

Básico N.º %

Ano Letivo 2017/2018

Sim 1 50,00

Não 1 50,00

No Ensino Secundário, dos 7 alunos que sofreram Cyberbullying, 3 alunos (42,86%) já foram violentos com alguém fora da Escola e 4 (57,14%) nunca o foram. Já alguma vez foste violento com alguém fora da Escola?

Já alguma vez foste violento com alguém fora da Escola?

60,00%

4

50,00%

3

40,00% 30,00%

2

20,00%

1

10,00% 0,00%

0 Sim

Sim

Não

Secundário N.º %

Sim 3 42,86

Não

Não 4 57,14

5.12.- Quantas vezes aconteceu essa situação de violência? Dos 4 alunos que sofreram Cyberbullying e foram violentos, 3 alunos (75,00%) foram violentos 1 ou 2 vezes e 1 (25,00%) foram violentos muitas vezes. Quantas vezes aconteceu essa situação de violência?

Quantas vezes aconteceu essa situação de violência?

Muitas vezes

Muitas vezes

Três ou quatro vezes

Três ou quatro vezes

Duas ou três vezes

Duas ou três vezes

Uma ou duas vezes

Uma ou duas vezes 0

Total N.º %

0,5

1

1,5

2

2,5

1 ou 2vezes 3 75,00

3

0,00% 10,00% 20,00% 30,00% 40,00% 50,00% 60,00% 70,00% 80,00%

2 ou 3 vezes 0 0,00

3 ou 4 vezes 0 0,00

Muitas vezes 1 25,00

No Ensino Básico, o aluno que sofreu Cyberbullying e foi violento, foi-o 1 ou 2 vezes. Quantas vezes aconteceu essa situação de violência?

Quantas vezes aconteceu essa situação de violência?

1

100,00%

0,5

50,00%

0,00%

0 Uma ou duas vezes

Duas ou três vezes

Violência Escolar

Três ou quatro vezes

Muitas vezes

Uma ou duas vezes

Duas ou três vezes

Três ou quatro vezes

Muitas vezes

Página 125


Escola Secundária de Barcelinhos

Básico N.º %

1 ou 2vezes 1 100,00

Ano Letivo 2017/2018

2 ou 3 vezes 0 0,00

3 ou 4 vezes 0 0,00

Muitas vezes 0 0,00

No Ensino Secundário, dos 3 alunos que sofreram Cyberbullying e foram violentos, 2 alunos (66,67%) foram violentos 1 ou 2 vezes e 1 (33,33,67%) foi violento muitas vezes. Quantas vezes aconteceu essa situação de violência?

Quantas vezes aconteceu essa situação de violência? 70,00%

2

60,00%

1,5

50,00%

40,00%

1

30,00% 20,00%

0,5

10,00%

0

0,00% Uma ou duas vezes Duas ou três vezes

Secundário N.º %

Três ou quatro vezes

Muitas vezes

1 ou 2vezes 2 66,67

Uma ou duas vezes Duas ou três vezes

2 ou 3 vezes 0 0,00

Três ou quatro vezes

3 ou 4 vezes 0 0,00

Muitas vezes

Muitas vezes 1 33,33

5.13.- De que forma foste violento com essa pessoa? Dos 4 alunos que sofreram Cyberbullying e foram violentos, 1 caso (14,29%) chamou nomes, 1 (14,29%) assustou e meteu medo ao colega, 1 (14,29%) bateu-lhe, 3 (42,86%) ignoraram-no e não lhe falaram e 1 (14,29%) foi violento de outra forma. De que forma foste violento com essa pessoa?

De que forma foste violento com essa pessoa?

Outra forma

Outra forma

Ignorei-o e não lhe falei

Ignorei-o e não lhe falei

Bati-lhe

Bati-lhe

Tirei-lhe coisas dele

Tirei-lhe coisas dele

Assustei-o e meti-lhe medo

Assustei-o e meti-lhe medo

Chamei-lhe nomes

Chamei-lhe nomes 0

0,5

1

1,5

2

2,5

3

0,00% 5,00% 10,00%15,00%20,00%25,00%30,00%35,00%40,00%45,00%

Total

Chamei-lhe nomes

Assustei-o e meti-lhe medo

Tirei-lhe coisas dele

Bati-lhe

Ignorei-o e não lhe falei

Outra forma

N.º %

1 14,29

1 14,29

0 0,00

1 14,29

3 42,86

1 14,29

No Ensino Básico, o aluno que sofreu Cyberbullying e foi violento, ignorou-o e não lhe falou.

Violência Escolar

Página 126


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

De que forma foste violento com essa pessoa?

De que forma foste violento com essa pessoa?

1

100,00%

0,5

50,00%

0,00%

0 Chamei-lhe nomes

Assustei-o e meti-lhe medo

Tirei-lhe coisas dele

Bati-lhe

Ignorei-o e não lhe falei

Chamei-lhe nomes

Outra forma

Assustei-o e meti-lhe medo

Tirei-lhe coisas dele

Bati-lhe

Ignorei-o e não lhe falei

Outra forma

Básico

Chamei-lhe nomes

Assustei-o e meti-lhe medo

Tirei-lhe coisas dele

Bati-lhe

Ignorei-o e não lhe falei

Outra forma

N.º %

0 0,00

0 0,00

0 0,00

0 0,00

1 100,00

0 0,00

No Ensino Secundário, dos 3 alunos que sofreram Cyberbullying e foram violentos, em 1 situação (16,67%) chamou nomes, em 1 (16,67%) assustou e meteu medo ao colega, em 1 (16,67%) bateu-lhe, em 2 (33,33%) ignoraram-no e não lhe falaram e em 1 (16,67%) foi violento de outra forma. De que forma foste violento com essa pessoa?

De que forma foste violento com essa pessoa? 35,00%

2 1,8 1,6 1,4 1,2 1 0,8 0,6 0,4 0,2 0

30,00%

25,00% 20,00% 15,00%

10,00% 5,00% 0,00%

Chamei-lhe nomes

Assustei-o e meti-lhe medo

Tirei-lhe coisas dele

Bati-lhe

Chamei-lhe Assustei-o e Tirei-lhe nomes meti-lhe coisas dele medo

Ignorei-o e Outra forma não lhe falei

Bati-lhe

Ignorei-o e Outra forma não lhe falei

Secundário

Chamei-lhe nomes

Assustei-o e meti-lhe medo

Tirei-lhe coisas dele

Bati-lhe

Ignorei-o e não lhe falei

Outra forma

N.º %

1 16,67

1 16,67

0 0,00

1 16,67

2 33,33

1 16,67

5.14.- O que sentiste quando foste violento com essa pessoa? Dos 4 alunos que sofreram Cyberbullying e foram violentos, 1 aluno (25,00%) sentiuse bem e 3 (75,00%) sentiram-se mal. O que sentiste quando foste violento com essa pessoa?

O que sentiste quando foste violento com essa pessoa?

Senti-me arrependido

Senti-me arrependido

Senti-me mal

Senti-me mal

Não senti nada

Não senti nada

Senti-me bem

Senti-me bem 0

0,5

1

Violência Escolar

1,5

2

2,5

3

0,00% 10,00% 20,00% 30,00% 40,00% 50,00% 60,00% 70,00% 80,00%

Página 127


Escola Secundária de Barcelinhos

Total

Senti-me bem

N.º %

1 25,00

Ano Letivo 2017/2018

Não senti nada 0 0,00

Senti-me arrependido 0 0,00

Senti-me mal 3 75,00

No Ensino Básico, o aluno que sofreu Cyberbullying e foi violento, sentiu-se mal. O que sentiste quando foste violento com essa pessoa?

O que sentiste quando foste violento com essa pessoa?

1

100,00%

0,5

50,00% 0,00%

0 Senti-me bem

Não senti nada

Senti-me mal

Senti-me bem

Senti-me arrependido

Básico

Senti-me bem

N.º %

0 0,00

Não senti nada 0 0,00

Não senti nada

Senti-me mal

Senti-me mal 1 100,00

Senti-me arrependido

Senti-me arrependido 0 0,00

No Ensino Secundário, dos 3 alunos que sofreram Cyberbullying e foram violentos, 1 aluno (33,33%) sentiu-se bem e 2 (66,67%) sentiram-se mal. O que sentiste quando foste violento com essa pessoa?

O que sentiste quando foste violento com essa pessoa? 70,00%

2

60,00%

1,5

50,00% 40,00%

1

30,00%

20,00%

0,5

10,00%

0

0,00% Senti-me bem

Não senti nada

Senti-me mal

Senti-me arrependido

Secundário

Senti-me bem

N.º %

1 33,33

Senti-me bem

Não senti nada 0 0,00

Não senti nada

Senti-me mal

Senti-me mal 2 66,67

Senti-me arrependido

Senti-me arrependido 0 0,00

5.15.- Contaste a alguém sobre teres sido violento? Dos 4 alunos que sofreram Cyberbullying e foram violentos, todos (100,00%) contaram o sucedido.

Violência Escolar

Página 128


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Contaste a alguém sobre teres sido violento?

Contaste a alguém sobre teres sido violento?

Não

Não

Sim

Sim

0

0,5

1

1,5

2

2,5

3

Total N.º %

3,5

4

0,00%

20,00%

40,00%

Sim 4 100,00

60,00%

80,00%

100,00%

Não 0 0,00

No Ensino Básico, o aluno que sofreu Cyberbullying e foi violento, contou o sucedido. Contaste a alguém sobre teres sido violento?

Contaste a alguém sobre teres sido violento?

1

100,00%

0,5

50,00% 0,00%

0 Sim

Sim

Não

Básico N.º %

Sim 1 100,00

Não

Não 0 0,00

No Ensino Secundário, dos 3 alunos que sofreram Cyberbullying e foram violentos, todos (100,00%) contaram o sucedido. Contaste a alguém sobre teres sido violento?

Contaste a alguém sobre teres sido violento?

3

100,00%

2,5

80,00%

2

60,00%

1,5

40,00%

1

20,00%

0,5

0,00%

0 Sim

Secundário N.º %

Violência Escolar

Sim

Não

Sim 3 100,00

Não

Não 0 0,00

Página 129


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

5.16.- A quem contaste? Dos 4 alunos que sofreram Cyberbullying e contaram a alguém, em 3 casos (37,50%) contaram à Mãe e/ou ao Pai, em 1 (12,50%) contou à irmã e/ou ao irmão e em 4 (50,00%) a uma amiga e/ou amigo. A quem contaste?

A quem contaste?

Outra pessoa

Outra pessoa

Familiar adulto

Familiar adulto

Amiga e / ou Amigo

Amiga e / ou Amigo

Irmã e / ou Irmão

Irmã e / ou Irmão

Mãe e / ou Pai

Mãe e / ou Pai 0

0,5

1

1,5

2

2,5

Mãe e/ou Pai

Total N.º %

3

3,5

4

0,00%

10,00%

20,00%

30,00%

40,00%

50,00%

Irmão e/ou Irmã

Amiga e/ou Amigo

Familiar adulto

Outra pessoa

3

1

37,50

12,50

4 50,00

0 0,00

0 0,00

No Ensino Básico, o aluno que sofreu Cyberbullying e contou o sucedido, fê-lo a uma amiga e/ou amigo. A quem contaste?

A quem contaste?

1

100,00%

0,8

80,00%

0,6

60,00%

0,4

40,00%

0,2

20,00% 0,00%

0

Mãe e / ou Pai

Irmã e / ou Irmão

Amiga e / ou Amigo

Familiar adulto

Mãe e / ou Pai

Outra pessoa

Irmã e / ou Irmão

Amiga e / ou Amigo

Familiar adulto

Outra pessoa

Básico

Mãe e/ou Pai

Irmão e/ou Irmã

Amiga e/ou Amigo

Familiar adulto

Outra pessoa

N.º %

0 0,00

0 0,00

1 100,00

0 0,00

0 0,00

No Ensino Secundário, dos 3 alunos que sofreram Cyberbullying e contaram o sucedido, em 3 casos (42,86%) contaram à Mãe e/ou ao Pai, em 1 caso (14,29%) contou à irmã e/ou ao irmão e em 3 casos (42,86%) a uma amiga e/ou amigo. O que te disse essa pessoa a quem contaste?

A quem contaste? 3

40,00% 35,00% 30,00% 25,00% 20,00% 15,00% 10,00% 5,00% 0,00%

2,5

2 1,5 1 0,5 0 Mãe e / ou Pai

Irmã e / ou Irmão

Amiga e / ou Amigo

Violência Escolar

Familiar adulto

Outra pessoa

Disse-me para Não ligou ao que eu Disse-me para não Disse-me que tinha continuar, porque disse voltar a fazer o feito mal e explicou era normal mesmo porquê

Página 130


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Secundário

Mãe e/ou Pai

Irmão e/ou Irmã

Amiga e/ou Amigo

Familiar adulto

Outra pessoa

N.º %

3 42,86

1 14,29

3 42,86

0 0,00

0 0,00

5.17.- O que te disse essa pessoa a quem contaste? Dos 4 alunos que sofreram Cyberbullying e contaram a alguém, em 1 caso (16,67%) foi dito para continuar, porque era normal, em 3 (50,00%) disseram para não voltar a fazer o mesmo e em 2 (33,33%) disseram que tinham feito mal e explicaram o motivo. O que te disse essa pessoa a quem contaste?

O que te disse essa pessoa a quem contaste?

Disse-me que tinha feito mal e explicou porquê

Disse-me que tinha feito mal e explicou porquê

Disse-me para não voltar a fazer o mesmo

Disse-me para não voltar a fazer o mesmo

Não ligou ao que eu disse

Não ligou ao que eu disse

Disse-me para continuar, porque era normal

Disse-me para continuar, porque era normal 0

0,5

1

1,5

2

2,5

0,00% 10,00% 20,00% 30,00% 40,00% 50,00%

3

Total

Disse-me para continuar, porque era normal

Não ligou ao que eu disse

Disse-me para não voltar a fazer o mesmo

N.º %

1 16,67

0 0,00

3 50,00

Disse-me que tinha feito mal e explicou porquê 2 33,33

No Ensino Básico, ao aluno que sofreu Cyberbullying e contou o sucedido, foi dito para não voltar a fazer o mesmo. O que te disse essa pessoa a quem contaste?

O que te disse essa pessoa a quem contaste?

1

100,00%

0,5

50,00% 0,00%

0 Disse-me para continuar, porque era normal

Não ligou ao que eu disse

Básico N.º %

Disse-me para não voltar a fazer o mesmo

Disse-me para continuar, porque era normal 0 0,00

Violência Escolar

Disse-me para continuar, porque era normal

Disse-me que tinha feito mal e explicou porquê

Não ligou ao que eu disse 0 0,00

Não ligou ao que eu Disse-me para não Disse-me que tinha disse voltar a fazer o feito mal e explicou mesmo porquê

Disse-me para não voltar a fazer o mesmo 1 100,00

Disse-me que tinha feito mal e explicou porquê 0 0,00

Página 131


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

No Ensino Secundário, dos 3 alunos que sofreram Cyberbullying e contaram a alguém, em 1 caso (8,33%) foi dito para continuar, porque era normal, em 1 (8,33%) não ligaram ao que disse, em 3 (25,00%) disseram para não voltar a fazer o mesmo e em 7 (58,33%) disseram que tinham feito mal e explicaram o motivo. O que te disse essa pessoa a quem contaste?

O que te disse essa pessoa a quem contaste? 40,00% 35,00% 30,00% 25,00% 20,00% 15,00% 10,00% 5,00% 0,00%

2 1,8 1,6 1,4 1,2 1 0,8 0,6 0,4 0,2 0

Disse-me para continuar, porque era normal

Disse-me para Não ligou ao que eu Disse-me para não Disse-me que tinha continuar, porque disse voltar a fazer o feito mal e explicou era normal mesmo porquê

Não ligou ao que eu Disse-me para não Disse-me que tinha disse voltar a fazer o feito mal e explicou mesmo porquê

Disse-me para continuar, porque era normal 1 20,00

Secundário N.º %

Não ligou ao que eu disse 0 0,00

Disse-me para não voltar a fazer o mesmo 2 40,00

Disse-me que tinha feito mal e explicou porquê 2 40,00

5.18.- Quando foste violento com outra pessoa fora da Escola, isso aconteceu por te juntares a outros colegas? Dos 4 alunos que sofreram Cyberbullying e contaram a alguém, todos (100,00%) foram violentos sem se juntarem a ninguém. Quando foste violento com outra pessoa fora da Escola, isso aconteceu por te juntares a outros colegas?

Quando foste violento com outra pessoa fora da Escola, isso aconteceu por te juntares a outros colegas?

Não

Não

Sim

Sim

0

0,5

1

1,5

2

Total N.º %

2,5

3

3,5

Sim 0 0,00

4

0,00%

20,00%

40,00%

60,00%

80,00%

100,00%

Não 4 100,00

No Ensino Básico, o aluno que sofreu Cyberbullying e contou o sucedido, foi violento sem se juntarem a ninguém.

Violência Escolar

Página 132


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Quando foste violento com outra pessoa fora da Escola, isso aconteceu por te juntares a outros colegas?

Quando foste violento com outra pessoa fora da Escola, isso aconteceu por te juntares a outros colegas?

1

100,00%

0,5

50,00% 0,00%

0 Sim

Sim

Não

Básico N.º %

Não

Sim 0 0,00

Não 1 100,00

No Ensino Secundário, dos 3 alunos que sofreram Cyberbullying e contaram a alguém, todos (100,00%) o foram sem se juntarem a ninguém. Quando foste violento com outra pessoa fora da Escola, isso aconteceu por te juntares a outros colegas?

Quando foste violento com outra pessoa fora da Escola, isso aconteceu por te juntares a outros colegas?

100,00%

3 2,5 2 1,5 1 0,5 0

80,00% 60,00% 40,00%

20,00% 0,00% Sim

Sim

Não

Secundário N.º %

Sim 0 0,00

Não

Não 3 100,00

5.19.- Já alguma vez foste violento com alguém na Escola? Dos 9 alunos que sofreram Cyberbullying, 3 alunos (33,33%) já foram violentos com alguém na Escola e 6 (66,67%) nunca o foram. Já alguma vez foste violento com alguém na Escola?

Já alguma vez foste violento com alguém na Escola?

Não

Não

Sim

Sim

0

1

2

3

Total N.º %

4

5

6

Sim 3 33,33

0,00%

10,00%

20,00%

30,00%

40,00%

50,00%

60,00%

70,00%

Não 6 66,67

No Ensino Básico, dos 2 alunos que sofreram Cyberbullying, nenhum (100,00%) foi violento com alguém na Escola. Violência Escolar

Página 133


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Já alguma vez foste violento com alguém na Escola?

Já alguma vez foste violento com alguém na Escola?

2

100,00%

1

50,00% 0,00%

0 Sim

Sim

Não

Básico N.º %

Sim 0 0,00

Não

Não 2 100,00

No Ensino Secundário, dos 7 alunos que sofreram Cyberbullying, 3 alunos (42,86%) já foram violentos com alguém na Escola e 4 (57,14%) nunca o foram. Já alguma vez foste violento com alguém na Escola?

Já alguma vez foste violento com alguém na Escola?

60,00%

4

50,00%

3

40,00% 30,00%

2

20,00%

1

10,00% 0,00%

0 Sim

Sim

Não

Secundário N.º %

Sim 3 42,86

Não

Não 4 57,14

5.20.- Quantas vezes aconteceu essa situação de violência? Dos 3 alunos que sofreram Cyberbullying e foram violentos na Escola, 2 alunos (66,67%) foram violentos 1 ou 2 vezes e 1 (33,33%) foi violento muitas vezes. Quantas vezes aconteceu essa situação de violência?

Quantas vezes aconteceu essa situação de violência?

Muitas vezes

Muitas vezes

Três ou quatro vezes

Três ou quatro vezes

Duas ou três vezes

Duas ou três vezes

Uma ou duas vezes

Uma ou duas vezes 0

Total N.º %

0,5

1

1,5

1 ou 2vezes 2 66,67

Violência Escolar

2

2 ou 3 vezes 0 0,00

0,00% 10,00% 20,00% 30,00% 40,00% 50,00% 60,00% 70,00%

3 ou 4 vezes 0 0,00

Muitas vezes 1 33,33

Página 134


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

No Ensino Secundário, dos 3 alunos que sofreram Cyberbullying e foram violentos na Escola, 2 alunos (66,67%) foram violentos 1 ou 2 vezes e 1 (33,33%) foi violento muitas vezes. Quantas vezes aconteceu essa situação de violência?

Quantas vezes aconteceu essa situação de violência? 70,00%

2

60,00%

1,5

50,00% 40,00%

1

30,00%

20,00%

0,5

10,00%

0

0,00% Uma ou duas vezes Duas ou três vezes

Secundário N.º %

Três ou quatro vezes

Muitas vezes

1 ou 2vezes 2 66,67

Uma ou duas vezes Duas ou três vezes

2 ou 3 vezes 0 0,00

Três ou quatro vezes

3 ou 4 vezes 0 0,00

Muitas vezes

Muitas vezes 1 33,33

5.21.- De que forma foste violento com essa pessoa? Dos 3 alunos que sofreram Cyberbullying e foram violentos na Escola, em 1 caso (16,67,86%) chamou nomes, em 1 (16,67%) assustou e meteu medo ao colega, em 1 (16,67%) bateu-lhe, em 2 (33,33%) ignoraram-no e não lhe falaram e em 1 (16,67%) foi violento de outra forma. De que forma foste violento com essa pessoa?

De que forma foste violento com essa pessoa?

Outra forma

Outra forma

Ignorei-o e não lhe falei

Ignorei-o e não lhe falei

Bati-lhe

Bati-lhe

Tirei-lhe coisas dele

Tirei-lhe coisas dele

Assustei-o e meti-lhe medo

Assustei-o e meti-lhe medo

Chamei-lhe nomes

Chamei-lhe nomes 0

0,5

1

1,5

2

0,00% 5,00% 10,00% 15,00% 20,00% 25,00% 30,00% 35,00%

Total

Chamei-lhe nomes

Assustei-o e meti-lhe medo

Tirei-lhe coisas dele

Bati-lhe

Ignorei-o e não lhe falei

Outra forma

N.º %

1 16,67

1 16,67

0 0,00

1 16,67

2 33,33

1 16,67

No Ensino Secundário, dos 3 alunos que sofreram Cyberbullying e foram violentos na Escola, em 1 caso (16,67%) chamou nomes, em 1 (16,67%) assustou e meteu medo ao colega, em 1 (16,67%) bateu-lhe, em 2 (33,33%) ignoraram-no e não lhe falaram e em 1 (16,67%) foi violento de outra forma.

Violência Escolar

Página 135


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

De que forma foste violento com essa pessoa?

De que forma foste violento com essa pessoa? 35,00%

2 1,8 1,6 1,4 1,2 1 0,8 0,6 0,4 0,2 0

30,00% 25,00% 20,00%

15,00% 10,00% 5,00% 0,00%

Chamei-lhe nomes

Assustei-o e meti-lhe medo

Tirei-lhe coisas dele

Bati-lhe

Ignorei-o e não lhe falei

Chamei-lhe Assustei-o e Tirei-lhe nomes meti-lhe coisas dele medo

Outra forma

Bati-lhe

Ignorei-o e Outra forma não lhe falei

Secundário

Chamei-lhe nomes

Assustei-o e meti-lhe medo

Tirei-lhe coisas dele

Bati-lhe

Ignorei-o e não lhe falei

Outra forma

N.º %

1 16,67

1 16,67

0 0,00

1 16,67

2 33,33

1 16,67

5.22.- O que sentiste quando foste violento com essa pessoa? Dos 3 alunos que sofreram Cyberbullying e foram violentos na Escola, 1 aluno (33,33%) sentiu-se bem e 2 (66,67%) não sentiram nada. O que sentiste quando foste violento com essa pessoa?

O que sentiste quando foste violento com essa pessoa?

Senti-me arrependido

Senti-me arrependido

Senti-me mal

Senti-me mal

Não senti nada

Não senti nada

Senti-me bem

Senti-me bem 0

0,5

1

1,5

Total

Senti-me bem

N.º %

1 33,33

2

0,00% 10,00% 20,00% 30,00% 40,00% 50,00% 60,00% 70,00%

Não senti nada 2 66,67

Senti-me mal 0 0,00

Senti-me arrependido 0 0,00

No Ensino Secundário, dos 3 alunos que sofreram Cyberbullying e foram violentos na Escola, 1 aluno (33,33%) sentiu-se bem e 2 (66,67%) não sentiram nada. O que sentiste quando foste violento com essa pessoa?

O que sentiste quando foste violento com essa pessoa? 70,00%

2

60,00%

1,5

50,00% 40,00%

1

30,00%

20,00%

0,5

10,00%

0

0,00% Senti-me bem

Não senti nada

Violência Escolar

Senti-me mal

Senti-me arrependido

Senti-me bem

Não senti nada

Senti-me mal

Senti-me arrependido

Página 136


Escola Secundária de Barcelinhos

Secundário

Senti-me bem

N.º %

1 33,33

Ano Letivo 2017/2018

Não senti nada 2 66,67

Senti-me mal 0 0,00

Senti-me arrependido 0 0,00

5.23.- Contaste a alguém sobre teres sido violento? Dos 3 alunos que sofreram Cyberbullying e foram violentos na Escola, todos (100,00%) contaram o sucedido. Contaste a alguém sobre teres sido violento?

Contaste a alguém sobre teres sido violento?

Não

Não

Sim

Sim

0

0,5

1

1,5

2

2,5

Total N.º %

3

0,00%

20,00%

40,00%

Sim 3 100,00

60,00%

80,00%

100,00%

Não 0 0,00

No Ensino Secundário, dos 3 alunos que sofreram Cyberbullying e foram violentos na Escola, todos (100,00%) contaram o sucedido. Contaste a alguém sobre teres sido violento?

Contaste a alguém sobre teres sido violento?

3

100,00%

2,5

80,00%

2

60,00%

1,5

40,00%

1

20,00%

0,5

0,00%

0 Sim

Secundário N.º %

Sim

Não

Sim 3 100,00

Não

Não 0 0,00

5.24.- A quem contaste? Dos 3 alunos que sofreram Cyberbullying e foram violentos na Escola e contaram a alguém, em 1 caso (12,50%) contou a uma professora ou professor, em 1 (12,50%) contou a um adulto que não professora ou professor, em 2 (25,00%) contaram à Mãe e/ou ao Pai, em 2 (25,00%) contaram à irmã e/ou ao irmão e em 2 (25,00%) a uma amiga e/ou amigo.

Violência Escolar

Página 137


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

A quem contaste?

A quem contaste?

Outra pessoa

Outra pessoa

Familiar adulto

Familiar adulto

Amiga e / ou Amigo

Amiga e / ou Amigo

Irmã e / ou Irmão

Irmã e / ou Irmão Mãe e / ou Pai

Mãe e / ou Pai

Outro adulto da escola que não a professora ou …

Outro adulto da escola que não a professora ou o …

Professora / Professor

Professora / Professor 0

0,5

1

1,5

0,00% 5,00% 10,00% 15,00% 20,00% 25,00%

2

Total

Professora /Professor

Outro adulto da escola que não a professora ou o professor

N.º %

1 12,50

1 12,50

Mãe e/ou Pai

Irmão e/ou Irmã

Amiga e/ou Amigo

Familiar adulto

Outra pessoa

2

2

25,00

25,00

2 25,00

0 0,00

0 0,00

No Ensino Secundário, dos 3 alunos que sofreram Cyberbullying e foram violentos na Escola e contaram a alguém, em 1 caso (12,50%) contou a uma professora ou professor, em 1 (12,50%) contou a um adulto que não professora ou professor, em 2 (25,00%) contaram à Mãe e/ou ao Pai, em 2 (25,00%) contaram à irmã e/ou ao irmão e em 2 (25,00%) a uma amiga e/ou amigo. A quem contaste?

A quem contaste?

Professora /Professor

N.º %

1 12,50

1 12,50

Outra pessoa

Familiar adulto

Amiga e / ou Amigo

Irmã e / ou Irmão

Mãe e / ou Pai

Professora / Professor

Outra pessoa

Familiar adulto

Amiga e / ou Amigo

Irmã e / ou Irmão

Mãe e / ou Pai

Outro adulto da escola que não a professora ou o professor

Professora / Professor

Secundário

Outro adulto da escola que não a professora ou o professor

Outro adulto da escola que não a professora ou o professor

25,00% 20,00% 15,00% 10,00% 5,00% 0,00%

2 1,8 1,6 1,4 1,2 1 0,8 0,6 0,4 0,2 0

Mãe e/ou Pai

Irmão e/ou Irmã

Amiga e/ou Amigo

Familiar adulto

Outra pessoa

2

2

25,00

25,00

2 25,00

0 0,00

0 0,00

5.25.- O que te disse essa pessoa a quem contaste? Dos 3 alunos que sofreram Cyberbullying e foram violentos na Escola e contaram a alguém, em 1 caso (20,00%) foi dito para continuar, porque era normal, em 2

Violência Escolar

Página 138


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

(40,00%) disseram para não voltar a fazer o mesmo e em 2 (40,00%) disseram que tinham feito mal e explicaram o motivo. O que te disse essa pessoa a quem contaste?

O que te disse essa pessoa a quem contaste?

Disse-me que tinha feito mal e explicou porquê

Disse-me que tinha feito mal e explicou porquê

Disse-me para não voltar a fazer o mesmo

Disse-me para não voltar a fazer o mesmo

Não ligou ao que eu disse

Não ligou ao que eu disse

Disse-me para continuar, porque era normal

Disse-me para continuar, porque era normal 0

0,5

1

1,5

Disse-me para continuar, porque era normal 1 20,00

Total N.º %

0,00%5,00%10,00%15,00% 20,00% 25,00% 3 0,00% 3 5,00% 40,00%

2

Não ligou ao que eu disse 0 0,00

Disse-me para não voltar a fazer o mesmo 2 40,00

Disse-me que tinha feito mal e explicou porquê 2 40,00

No Ensino Secundário, dos 3 alunos que sofreram Cyberbullying e foram violentos na Escola e contaram a alguém, em 1 caso (20,00%) foi dito para continuar, porque era normal, em 2 (40,00%) disseram para não voltar a fazer o mesmo e em 2 (40,00%) disseram que tinham feito mal e explicaram o motivo. O que te disse essa pessoa a quem contaste?

O que te disse essa pessoa a quem contaste? 40,00% 35,00% 30,00% 25,00% 20,00% 15,00% 10,00% 5,00% 0,00%

2 1,8 1,6 1,4 1,2 1 0,8 0,6 0,4 0,2 0

Disse-me para continuar, porque era normal

Secundário N.º %

Disse-me para Não ligou ao que eu Disse-me para não Disse-me que tinha continuar, porque disse voltar a fazer o feito mal e explicou era normal mesmo porquê

Não ligou ao que eu Disse-me para não Disse-me que tinha disse voltar a fazer o feito mal e explicou mesmo porquê

Disse-me para continuar, porque era normal 1 20,00

Não ligou ao que eu disse 0 0,00

Disse-me para não voltar a fazer o mesmo 2 40,00

Disse-me que tinha feito mal e explicou porquê 2 40,00

5.26.- Quando foste violento com outra pessoa na Escola, isso aconteceu por te juntares a outros colegas? Dos 3 alunos que sofreram Cyberbullying e foram violentos na Escola, nenhum foi violento por se juntar a outros colegas.

Violência Escolar

Página 139


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Quando foste violento com outra pessoa na Escola , isso aconteceu por te juntares a outros colegas?

Quando foste violento com outra pessoa na Escola , isso aconteceu por te juntares a outros colegas?

Não

Não

Sim

Sim

0

0,5

1

1,5

2

2,5

Total N.º %

3

0,00%

20,00%

40,00%

Sim 0 0,00

60,00%

80,00%

100,00%

Não 3 100,00

No Ensino Secundário, dos 3 alunos que sofreram Cyberbullying e foram violentos na Escola, nenhum foi violento por se juntar a outros colegas. Quando foste violento com outra pessoa na Escola , isso aconteceu por te juntares a outros colegas?

Quando foste violento com outra pessoa na Escola , isso aconteceu por te juntares a outros colegas?

100,00%

3 2,5 2 1,5 1 0,5 0

80,00% 60,00% 40,00%

20,00% 0,00% Sim

Sim

Não

Secundário N.º %

Não

Sim 0 0,00

Não 3 100,00

5.27.- Alunos que sofreram Cyberbullying e Bullying. Dos 9 alunos que foram vítima de Cyberbullying, 8 (88,89%) também já foram vítimas de Bullying e 1 (11,11%) nunca o foi. Alguma vez foste vítima de Bullying?

Alguma vez foste vítima de Bullying?

Não

Não

Sim

Sim

0

2

4

Total N.º %

Violência Escolar

6

8

Sim 8 88,89

0,00%

20,00%

40,00%

60,00%

80,00%

100,00%

Não 1 11,11

Página 140


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

No Ensino Básico, dos 2 alunos que foram vítimas de Cyberbullying, ambos (100,00%) também foram vítimas de Bullying. Alguma vez foste vítima de Bullying?

Alguma vez foste vítima de Bullying?

Não

Não

Sim

Sim

0

2

4

6

Básico N.º %

8

0,00%

20,00%

40,00%

Sim 8 88,89

60,00%

80,00%

100,00%

Não 1 11,11

No Ensino Secundário, dos 49 alunos que foram vítimas de BullyingI, 6 (12,24%) também foram vítimas de Cyberbullying e 43 (87,76%) nunca o foram. Alguma vez foste vítima de Bullying?

Alguma vez foste vítima de Bullying?

100,00%

2 1,5

50,00%

1

0,5 0,00%

0 Sim

Secundário N.º %

Violência Escolar

Sim

Não

Sim 6 85,70

Não

Não 1 14,29

Página 141


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Alunos que praticaram violência fora da Escola

Violência Escolar

Página 142


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

6.- Caracterização dos alunos que praticaram violência fora da Escola. 6.1.- Por idade. Dos 68 alunos que já foram violentos com alguém fora da Escola, 8 (11,76%) têm 12 anos, 4 (5,88%) têm 13 anos, 7 (10,29%) têm 14 anos, 19 (27,94%) têm 15 anos, 12 (17,65%) têm 16 anos, 11 (16,18%) têm 17 anos e 7 (10,29%) têm 18 anos. Idade

Idade

19

19

18

18

17

17

16

16

15

15

14

14

13

13

12

12 0

5

Total N.º %

10

15

12 8 11,76

13 4 5,88

20

14 7 10,29

0,00%

5,00%

15 19 27,94

10,00%

15,00%

16 12 17,65

20,00%

25,00%

17 11 16,18

30,00%

18 7 10,29

No Ensino Básico, dos 21 alunos que já foram violentos com alguém fora da Escola, 8 (38,10%) têm 12 anos, 4 (19,05%) têm 13 anos, 7 (33,33%) têm 14 anos e 2 (9,52%) têm 15 anos. Idade

Idade

8

40,00%

6

30,00%

4

20,00%

2

10,00% 0,00%

0

11

Básico N.º %

12

13

12 8 38,10

14

15

11

16

13 4 19,05

12

14 7 33,33

13

14

15

16

15 2 9,52

No Ensino Secundário, dos 47 alunos que já foram violentos com alguém fora da Escola, 17 (36,17%) têm 15 anos, 12 (25,53%) têm 16 anos, 11 (23,40%) têm 17 anos e 7 (14,89%) têm 18 anos.

Violência Escolar

Página 143


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Idade

Idade

18

40,00%

16

35,00%

14

30,00%

12

25,00%

10

20,00%

8

15,00%

6

10,00%

4 2

5,00%

0

0,00% 15

16

17

18

Secundário N.º %

19

20

21

22

15 17 36,17

15

16 12 25,53

16

17

18

19

20

17 11 23,40

21

22

18 7 14,89

6.2.- Por género. Dos 68 alunos que já foram violentos com alguém fora da Escola, 15 (22,06%) são do género feminino e 53 (77,94%) são do género masculino. Género

Género

Rapaz

Rapaz

Rapariga

Rapariga

0

10

20

30

40

Total N.º %

50

0,00%

60

20,00%

40,00%

Rapariga 15 22,06

60,00%

80,00%

Rapaz 53 77,94

No Ensino Básico, dos 21 alunos que já foram violentos com alguém fora da Escola, 7 (33,33%) são do género feminino e 14 (66,67%) são do género masculino. Género

Género

80,00%

15

60,00%

10

40,00%

5

20,00% 0,00%

0 Rapariga

Básico N.º %

Rapariga

Rapaz

Rapariga 7 33,33

Rapaz

Rapaz 14 66,67

No Ensino Secundário, dos 47 alunos que já foram violentos com alguém fora da Escola, 8 (17,02%) são do género feminino e 39 (82,98%) são do género masculino. Violência Escolar

Página 144


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Género

Género

90,00% 80,00% 70,00% 60,00% 50,00% 40,00% 30,00% 20,00% 10,00% 0,00%

40 35

30 25 20 15 10

5 0 Rapariga

Rapaz

Rapariga

Secundário N.º %

Rapaz

Rapariga 8 17,02

Rapaz 39 82,98

6.3.- Por ano de escolaridade. Dos 68 alunos que já foram violentos com alguém fora da Escola, 9 (13,24%) frequentam o 7.º ano, 7 (10,29%) frequentam o 8.º ano, 5 (7,35%) frequentam o 9.º ano, 25 (36,76%) frequentam o 10.º ano, 6 (8,82%) frequentam o 11.º ano e 16 (23,52%) frequentam o 12.º ano. 52 alunos (76,47%) frequentam o Ensino Regular e 16 (23,53%) frequentam o Ensino Profissional. Ano de Escolaridade

Ano de Escolaridade

Profissional

Profissional

Regular

Regular

12.º

12.º

11.º

11.º

10.º

10.º

9.º

9.º

8.º

8.º

7.º

7.º 0

Total N.º %

10

20

7.º 9 13,24

30

40

8.º 7 10,29

50

60

9.º 5 7,35

10.º 25 36,76

0,00% 10,00% 20,00% 30,00% 40,00% 50,00% 60,00% 70,00% 80,00%

11.º 6 8,82

12.º 16 23.52

Regular Profissional 52 16 76,47 23,53

No Ensino Básico, dos 21 alunos que já foram violentos com alguém fora da Escola, 9 (42,86%) frequentam o 7.º ano, 7 (33,33%) frequentam o 8.º ano e 5 (23,81%) frequentam o 9.º ano. Todos os alunos (100,00%) frequentam o Ensino Regular. Ano de Escolaridade

Ano de Escolaridade

100,00%

30 20

50,00% 10 0,00%

0 7.º

8.º

9.º

Violência Escolar

Regular

Profissional

CEF

7.º

8.º

9.º

Regular

Profissional

CEF

Página 145


Escola Secundária de Barcelinhos

Básico N.º %

7.º 9 42,86

Ano Letivo 2017/2018

8.º 7 33,33

9.º 5 23,81

Regular 21 100,00

No Ensino Secundário, dos 47 alunos que já foram violentos com alguém fora da Escola, 25 (53,19%) frequentam o 10.º ano, 6 (12,77%) frequentam o 11.º ano e 16 (34,04%) frequentam o 12.º ano. 31 alunos (65,96%) frequentam o Ensino Regular e 16 (34,04%) frequentam o Ensino Profissional. Ano de Escolaridade

Ano de Escolaridade

35

70,00%

30

60,00%

25

50,00%

20

40,00%

15

30,00%

10

20,00%

5

10,00% 0,00%

0 10.º

11.º

12.º

Secundário N.º %

Regular

Profissional

10.º 25 53,19

10.º

CEF

11.º 6 12,77

11.º

12.º 16 34,04

12.º

Regular

Regular 31 65,96

Profissional

CEF

Profissional 16 34,04

6.4.- Percurso escolar. Dos 68 alunos que já foram violentos com alguém fora da Escola, 15 (22,06%) já reprovaram e 53 (77,94%) nunca reprovaram. Dos 15 que já reprovaram, a 10 (71,43%) aconteceu 1 só vez, a 3 (21,43%) aconteceu 2 vezes e a 1 (7,14%) aconteceu 3 ou 4 vezes. Já alguma vez reprovaste?

Já alguma vez reprovaste?

Não

Não

Sim

Sim

0

10

20

30

40

50

60

0,00%

20,00%

Quantas vezes reprovaste?

Cinco ou mais vezes

Três ou quatro vezes

Três ou quatro vezes

Duas Vezes

Duas Vezes

Uma vez

Uma vez 2

Violência Escolar

4

6

60,00%

80,00%

Quantas vezes reprovaste?

Cinco ou mais vezes

0

40,00%

8

10

0,00%

20,00%

40,00%

60,00%

80,00%

Página 146


Escola Secundária de Barcelinhos

Total N.º %

Ano Letivo 2017/2018

Sim 15 22,06

Total N.º %

1 vez 10 71,43

Não 53 77,94 2 vezes 3 21,43

3 ou 4 vezes 1 7,14

5 ou + vezes 0 0,00

No Ensino Básico, dos 21 alunos que já foram violentos com alguém fora da Escola, 4 (19,05%) já reprovaram e 17 (80,95%) nunca reprovaram. Aos 4 que já reprovaram, em 2 situações (50,00%) aconteceu 1 só vez e em outras 2 (50,00%) aconteceu 2 vezes. Já alguma vez reprovaste?

Já alguma vez reprovaste?

100,00%

20 15

50,00%

10 5

0,00%

0 Sim

Sim

Não

Quantas vezes reprovaste?

Não

Quantas vezes reprovaste?

50,00%

4

40,00%

3

30,00%

2

20,00%

1

10,00% 0,00%

0 Uma vez

Duas Vezes

Três ou quatro vezes

Básico N.º % Básico N.º %

Cinco ou mais vezes

Não Respondeu

Uma vez

Duas Vezes

Sim 4 19,05 1 vez 2 50,00

Três ou quatro vezes

Cinco ou mais vezes

Não Respondeu

Não 17 80,95 2 vezes 2 50,00

3 ou 4 vezes 0 0,00

5 ou + vezes 0 0,00

No Ensino Secundário, dos 47 alunos que já foram violentos com alguém fora da Escola, 11 (23,40%) já reprovaram e 36 (76,60%) nunca reprovaram. Aos 11 que já reprovaram, isso aconteceu 1 vez a 8 deles (80,00%), 2 vezes a 1 desses alunos (10,00%) e 3 ou 4 vezes a 1 outro (10,00%).

Violência Escolar

Página 147


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Já alguma vez reprovaste?

Já alguma vez reprovaste?

80,00%

40 35

70,00%

30

60,00%

25

50,00%

20

40,00%

15

30,00%

10

20,00%

5

10,00% 0,00%

0 Sim

Sim

Não

Quantas vezes reprovaste?

Não

Quantas vezes reprovaste? 80,00%

12

70,00%

10

60,00%

8

50,00% 40,00%

6

30,00%

4

20,00%

2

10,00%

0

0,00% Uma vez

Duas Vezes

Secundário N.º % Secundário N.º %

Três ou quatro vezes

Cinco ou mais vezes

Não Respondeu

Uma vez

Sim 11 23,40 1 vez 8 80,00

Duas Vezes

Três ou quatro Cinco ou mais Não Respondeu vezes vezes

Não 36 76,60 3 ou 4 vezes 5 ou + vezes 1 0 10,00 0,00

2 vezes 1 10,00

6.5.- Já ouviste falar em Bullying e/ou em Cyberbullying? Dos 68 alunos que já foram violentos com alguém fora da Escola, 2 (2,94%) já ouviram falar só de Bullying e 66 (97,06%) já ouviram falar tanto de Bullying como de Cyberbullying. Já ouviste falar em Bullying e/ou em Ciberbullying?

Já ouviste falar em Bullying e/ou em Ciberbullying?

Não

Não

Sim, do Ciberbullying

Sim, do Ciberbullying

Sim, de ambos

Sim, de ambos

Sim, do Bullying

Sim, do Bullying

0

Total N.º %

10

20

30

Sim, do Bullying 2 2,94

40

50

60

70

Sim, de ambos 66 97,06

0,00%

20,00%

40,00%

60,00%

Sim, do Cyberbullying 0 0,00

80,00% 100,00%

Não 0 0,00

No Ensino Básico, dos 21 alunos que já foram violentos com alguém fora da Escola, todos (100,00%) já ouviram falar tanto de Bullying como de Cyberbullying.

Violência Escolar

Página 148


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Já ouviste falar em Bullying e/ou em Ciberbullying?

Já ouviste falar em Bullying e/ou em Ciberbullying?

100,00%

30 20

50,00%

10

0,00%

0 Sim, do Bullying

Básico N.º %

Sim, de ambos

Sim, do Ciberbullying

Sim, do Bullying

Não

Sim, do Bullying 0 0,00

Sim, de ambos

Sim, do Ciberbullying

Não

Sim, de ambos Sim, do Cyberbullying 21 0 100,00 0,00

Não 0 0,00

No Ensino Secundário, dos 47 alunos que já foram violentos com alguém fora da Escola, 2 (4,26%) só ouviram falar de Bullying e 45 (95,74%) já ouviram falar tanto de Bullying como de Cyberbullying. Já ouviste falar em Bullying e/ou em Ciberbullying?

Já ouviste falar em Bullying e/ou em Ciberbullying?

50

100,00%

40

80,00%

30

60,00%

20

40,00%

10

20,00%

0

0,00% Sim, do Bullying

Secundário N.º %

Sim, de ambos

Sim, do Ciberbullying

Sim, do Bullying 2 4,26

Não

Sim, do Bullying

Sim, de ambos

Sim, do Ciberbullying

Sim, de ambos Sim, do Cyberbullying 45 0 95,74 0,00

Não

Não 0 0,00

6.6.- Na tua escola alguém já te informou sobre o Bullying e/ou o Cyberbullying? Quem te informou sobre Bullying e/ou o Cyberbullying na escola? Dos 68 alunos que já foram violentos com alguém fora da Escola, 1 aluno (1,47%) disse que na escola tinha ouvido falar unicamente de Bullying. Por outro lado, 3 alunos (4,41%) afirmaram ter unicamente ouvido falar de Cyberbullying na escola. 63 alunos (92,65%) ouviram falar de Bullying e Cyberbullying enquanto frequentavam a escola, mas 1 (1,47%) não ouviu falar de nenhuma das realidades. Em 24 casos (23,08%) receberam a informação através de uma professora ou de um professor, em 51 dos casos (49,04%) informou-se numa atividade de sensibilização/palestra, em 25 dos casos (24,04%) foi informado pela Escola Segura e em 4 dos casos (3,85%) encontrou informação através de outros meios.

Violência Escolar

Página 149


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Na tua escola alguém já te informou sobre o Bullying e/ou o Ciberbullying?

Na tua escola alguém já te informou sobre o Bullying e/ou o Ciberbullying?

Não

Não

Sim, sobre o Ciberbullying

Sim, sobre o Ciberbullying

Sim, sobre ambos

Sim, sobre ambos

Sim, sobre o Bullying

Sim, sobre o Bullying

0

10

20

30

40

50

60

70

0,00% 20,00% 40,00% 60,00% 80,00% 100,00%

Quem te informou sobre o Bullying e/ou o Ciberbullying na tua escola?

Quem te informou sobre o Bullying e/ou o Ciberbullying na tua escola?

Outro

Outro

Associação de Pais

Associação de Pais

Escola Segura

Escola Segura

Atividade de sensibilização / Palestra

Atividade de sensibilização / Palestra

Professor / a

Professor / a

0

Total N.º %

10

20

30

40

50

Sim, sobre o Bullying 4 5,88

0,00% 10,00%20,00%30,00%40,00%50,00%

60

Sim, sobre ambos 61 89,71

Total

Professor/a

Atividade de sensibilização / Palestra

N.º %

23 20,72

57 51,35

Sim, sobre o Cyberbullying 3 4,41

Não 0 0,00

Escola Segura

Associação de Pais

Outro

24 21,62

3 2,70

4 3,60

No Ensino Básico, dos 21 alunos que já foram violentos com alguém fora da Escola, todos os alunos (100,00%) ouviram falar de Bullying e Cyberbullying enquanto frequentavam a escola. Afirmaram ter tomado conhecimento destas realidade do Bullying e/ou do Cyberbullying, em 11 dos casos (26,83%) através de uma professora ou de um professor, em 16 dos casos (39,02%) informou-se numa atividade de sensibilização/palestra e em 14 dos casos (34,15%) foi informado pela Escola Segura. Na tua escola alguém já te informou sobre o Bullying e/ou o Ciberbullying?

Na tua escola alguém já te informou sobre o Bullying e/ou o Ciberbullying?

100,00%

30 20

50,00%

10

0,00%

0 Sim, sobre o Bullying

Sim, sobre ambos

Violência Escolar

Sim, sobre o Ciberbullying

Não

Sim, sobre o Bullying

Sim, sobre ambos

Sim, sobre o Ciberbullying

Não

Página 150


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Quem te informou sobre o Bullying e/ou o Ciberbullying na tua escola?

Quem te informou sobre o Bullying e/ou o Ciberbullying na tua escola?

20

40,00%

15

30,00%

10

20,00%

5

10,00%

0,00%

0 Professor / a

Atividade de sensibilização / Palestra

Básico N.º %

Escola Segura

Associação de Pais

Professor / a

Outro

Sim, sobre o Bullying 0 0,00

Sim, sobre ambos 20 100,00

Atividade de Escola Segura sensibilização / Palestra

Associação de Pais

Sim, sobre o Cyberbullying 0 0,00

Outro

Não 0 0,00

Básico

Professor/a

Atividade de sensibilização / Palestra

Escola Segura

Associação de Pais

Outro

N.º %

11 27,50

15 37,50

10 25,00

3 7,50

1 2,50

No Ensino Secundário, dos 47 alunos que já foram violentos com alguém fora da Escola, 1 aluno (2,13%) disse que na escola tinha ouvido falar unicamente de Bullying. Por outro lado, 42 alunos (89,36%) ouviram falar de Bullying e Cyberbullying enquanto frequentavam a escola, 3 alunos (6,38%) só ouviram falar de Cyberbullying na escola e 1 aluno (2,13%) não ouviu falar de nenhuma destas realidades. Afirmaram ter tomado conhecimento destas realidades do Bullying e/ou do Cyberbullying, em 13 casos (20,63%) através de uma professora ou de um professor, em 35 (55,56%) informou-se numa atividade de sensibilização/palestra, em 11 (17,46%) foi informado pela Escola Segura e em 4 (6,35%) encontrou informação através de outros meios. Na tua escola alguém já te informou sobre o Bullying e/ou o Ciberbullying?

Na tua escola alguém já te informou sobre o Bullying e/ou o Ciberbullying?

50

100,00%

40

80,00%

30

60,00%

20

40,00%

10

20,00%

0

0,00% Sim, sobre o Bullying

Sim, sobre ambos

Sim, sobre o Ciberbullying

Sim, sobre o Bullying

Não

Quem te informou sobre o Bullying e/ou o Ciberbullying na tua escola?

Sim, sobre ambos

Sim, sobre o Ciberbullying

Não

Quem te informou sobre o Bullying e/ou o Ciberbullying na tua escola? 60,00%

35 30 25 20 15 10 5 0

50,00% 40,00% 30,00% 20,00% 10,00% 0,00% Professor / a

Atividade de Escola Segura sensibilização / Palestra

Violência Escolar

Associação de Pais

Outro

Professor / a

Atividade de Escola Segura Associação de sensibilização / Pais Palestra

Outro

Página 151


Escola Secundária de Barcelinhos

Sim, sobre o Bullying 4 8,33

Secundário N.º %

Ano Letivo 2017/2018

Sim, sobre ambos 41 85,42

Sim, sobre o Cyberbullying 3 6,25

Não 0 0,00

Secundário

Professor/a

Atividade de sensibilização / Palestra

Escola Segura

Associação de Pais

Outro

N.º %

12 16,90

42 59,15

14 19,72

0 0,00

3 4,23

6.7.- Em casa os teus pais já te falaram sobre Bullying e/ou Cyberbullying? Dos 68 alunos que já foram violentos com alguém fora da Escola, 22 (32,35%) falaram em casa unicamente sobre Bullying, 31 (45,59%) falaram em casa sobre Bullying e Cyberbullying e 15 (22,06%) nunca falaram destas realidades em casa. Em casa os teus pais já te falaram sobre o Bullying e/ou o Ciberbullying?

Em casa os teus pais já te falaram sobre o Bullying e/ou o Ciberbullying?

Não

Não

Sim, sobre o Ciberbullying

Sim, sobre o Ciberbullying

Sim, sobre ambos

Sim, sobre ambos

Sim, sobre o Bullying

Sim, sobre o Bullying

0

5

10

15

20

25

30

Total

Sim, sobre Bullying

N.º %

22 32,35

35

0,00%

Sim, sobre ambos 31 45,59

10,00% 20,00% 30,00% 40,00% 50,00%

Sim, sobre Cyberbullying 0 0,00

Não 15 22,06

No Ensino Básico, dos 21 alunos que já foram violentos com alguém fora da Escola, 7 alunos (33,33%) falaram em casa unicamente sobre Bullying, 10 alunos (47,62%) falaram em casa sobre Bullying e Cyberbullying e 4 alunos (19,05%) nunca falaram destas realidades em casa. Em casa os teus pais já te falaram sobre o Bullying e/ou o Ciberbullying?

Em casa os teus pais já te falaram sobre o Bullying e/ou o Ciberbullying?

60,00%

10

40,00%

5

20,00%

0,00%

0 Sim, sobre o Bullying

Sim, sobre ambos

Sim, sobre o Ciberbullying

Básico

Sim, sobre Bullying

N.º %

7 33,33

Violência Escolar

Sim, sobre o Bullying

Não

Sim, sobre ambos 10 47,62

Sim, sobre ambos

Sim, sobre o Ciberbullying

Sim, sobre Cyberbullying 0 0,00

Não

Não 4 19,05

Página 152


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

No Ensino Secundário, dos 47 alunos que já foram violentos com alguém fora da Escola, 15 alunos (31,91%) falaram em casa unicamente sobre Bullying, 21 alunos (44,68%) falaram em casa sobre Bullying e Cyberbullying e 11 alunos (23,40%) nunca falaram destas realidades em casa. Em casa os teus pais já te falaram sobre o Bullying e/ou o Ciberbullying?

Em casa os teus pais já te falaram sobre o Bullying e/ou o Ciberbullying? 50,00%

25 20

40,00%

15

30,00%

10

20,00%

5

10,00%

0

0,00% Sim, sobre o Bullying

Sim, sobre ambos

Sim, sobre o Ciberbullying

Não

Secundário

Sim, sobre Bullying

N.º %

15 31,91

Sim, sobre o Bullying

Sim, sobre ambos 21 44,68

Sim, sobre ambos

Sim, sobre o Ciberbullying

Sim, sobre Cyberbullying 0 0,00

Não

Não 11 23,40

6.8.- Os professores e / ou os adultos da escola separam os alunos quando há situações de Bullying? Dos 68 alunos que já foram violentos com alguém fora da Escola, 17 alunos (25,37%) afirmaram que essa situação acontece sempre, 21 (31,34%) referiram que a situação acontece frequentemente, 17 (25,37%) confirmaram que isso acontece por vezes, 6 (8,96%) declararam que quase nunca acontece e para 6 (8,96%) essa separação nunca surgiu. 1 aluno não indicou este dado. Os professores e / ou os adultos da escola separam os alunos quando há situações de Bullying?

Os professores e / ou os adultos da escola separam os alunos quando há situações de Bullying?

Nunca

Nunca

Quase nunca

Quase nunca

Por vezes

Por vezes

Frequentemente

Frequentemente

Sempre

Sempre

0

Total N.º %

5

10

Sempre 17 25,37

15

20

25

Frequentemente 21 31,34

0,00%

5,00%

Por vezes 17 25,37

10,00%

15,00%

20,00%

Quase nunca 6 8,96

25,00% 30,00% 35,00%

Nunca 6 8,96

No Ensino Básico, dos 21 alunos que já foram violentos com alguém fora da Escola, 6 alunos (28,57%) afirmaram que essa situação acontece sempre, 8 (38,10%) referiram que a situação acontece frequentemente, 5 (23,81%) confirmaram que isso acontece por vezes, 1 (4,76%) declararam que quase nunca acontece e para 1 (4,76%) essa separação nunca surgiu.

Violência Escolar

Página 153


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Os professores e / ou os adultos da escola separam os alunos quando há situações de Bullying?

Os professores e / ou os adultos da escola separam os alunos quando há situações de Bullying? 40,00% 30,00% 20,00% 10,00% 0,00%

8 6 4 2 0

Básico N.º %

Sempre 6 28,57

Frequentemente 8 38,10

Por vezes 5 23,81

Quase nunca 1 4,76

Nunca 1 4,76

No Ensino Secundário, dos 47 alunos que já foram violentos com alguém fora da Escola, 11 alunos (23,91%) afirmaram que essa situação acontece sempre, 13 (28,26%) referiram que a situação acontece frequentemente, 12 (26,09%) confirmaram que isso acontece por vezes, 5 (10,87%) declararam que quase nunca acontece e para 5 (10,87%) essa separação nunca surgiu. 1 aluno não indicou este dado. Os professores e / ou os adultos da escola separam os alunos quando há situações de Bullying?

Os professores e / ou os adultos da escola separam os alunos quando há situações de Bullying? 30,00% 25,00% 20,00% 15,00% 10,00% 5,00% 0,00%

14 12 10 8 6 4 2 0

Secundário N.º %

Sempre 11 23,91

Frequentemente 13 28,26

Por vezes 12 26,09

Quase nunca 5 10,87

Nunca 5 10,87

6.9.- Os alunos ajudam outros alunos vítimas de Bullying? Dos 68 alunos que já foram violentos com alguém fora da Escola, 11 alunos (16,18%) afirmaram que essa situação acontece sempre, 22 (32,35%) referiram que a situação acontece frequentemente, 27 (39,71%) confirmaram que isso acontece por vezes e 8 (11,76%) declararam que quase nunca acontece. Os alunos ajudam outros alunos vítimas de Bullying?

Os alunos ajudam outros alunos vítimas de Bullying?

Nunca

Nunca

Quase nunca

Quase nunca

Por vezes

Por vezes

Frequentemente

Frequentemente

Sempre

Sempre 0

5

10

Violência Escolar

15

20

25

30

0,00% 5,00% 10,00% 15,00% 20,00% 25,00% 30,00% 35,00% 40,00%

Página 154


Escola Secundária de Barcelinhos

Total N.º %

Sempre 11 16,18

Frequentemente 22 32,35

Ano Letivo 2017/2018

Por vezes 27 39,71

Quase nunca 8 11,76

Nunca 0 0,00

No Ensino Básico, dos 21 alunos que já foram violentos com alguém fora da Escola, 2 alunos (9,52%) afirmaram que essa situação acontece sempre, 3 (14,29%) referiram que a situação acontece frequentemente, 12 (57,14%) confirmaram que isso acontece por vezes e 4 (19,05%) declararam que quase nunca acontece. Os alunos ajudam outros alunos vítimas de Bullying?

Os alunos ajudam outros alunos vítimas de Bullying?

60,00%

15 10

40,00%

5

20,00%

0

0,00%

Básico N.º %

Sempre 2 9,52

Frequentemente 3 14,29

Por vezes 12 57,14

Quase nunca 4 19,05

Nunca 0 0,00

No Ensino Secundário, dos 47 alunos que já foram violentos com alguém fora da Escola, 9 alunos (19,15%) afirmaram que essa situação acontece sempre, 19 (40,43%) referiram que a situação acontece frequentemente, 15 (31,91%) confirmaram que isso acontece por vezes e 4 (8,51%) declararam que quase nunca acontece. Os alunos ajudam outros alunos vítimas de Bullying? 45,00% 40,00% 35,00% 30,00% 25,00% 20,00% 15,00% 10,00% 5,00% 0,00%

20

15 10 5

0

Secundário N.º %

Os alunos ajudam outros alunos vítimas de Bullying?

Sempre 9 19,15

Frequentemente 19 40,43

Por vezes 15 31,91

Quase nunca 4 8,51

Nunca 0 0,00

6.10.- O que sentes quando vês uma/um colega a ser vítima de Bullying? Dos 68 alunos que já foram violentos com alguém fora da Escola, 3 alunos (4,41%) sentem que essa pessoa talvez tenha feito alguma coisa para merecer, 2 (2,94%) não sentem nada, 8 (11,76%) sentem um pouco de pena, 18 (26,47%) sentem muita pena e querem ajudar, 5 (7,35%) sentem-se revoltadas/os, mas não ajudam e 32 (47,06%) sentem-se revoltadas/os e ajudam a vítima a defender-se.

Violência Escolar

Página 155


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

O que sentes quando vês uma / um colega a ser vítima de Bullying?

O que sentes quando vês uma / um colega a ser vítima de Bullying?

Sinto-me revoltada / o e ajudo a vítima a …

Sinto-me revoltada / o e ajudo a vítima a …

Sinto-me revoltada / o, mas não ajudo

Sinto-me revoltada / o, mas não ajudo

Sinto muita pena e quero ajudar

Sinto muita pena e quero ajudar

Sinto um pouco de pena

Sinto um pouco de pena

Não sinto nada

Não sinto nada

Sinto que essa pessoa talvez tenha feito alguma …

Sinto que essa pessoa talvez tenha feito …

0

5

10

15

20

25

30

35

0,00%

10,00%

20,00% 30,00% 40,00% 50,00%

Total

Sinto que essa pessoa talvez tenha feito alguma coisa para merecer

Não sinto nada

Sinto um pouco de pena

Sinto muita pena e quero ajudar

Sinto-me revoltada/o, mas não ajudo

Sinto-me revoltada/o e ajudo a vítima a defender-se

N.º %

3 4,41

2 2,94

8 11,76

18 26,47

5 7,35

32 47,06

No Ensino Básico, dos 21 alunos que já foram violentos com alguém fora da Escola, em 2 situações (9,09%) sentem que essa pessoa talvez tenha feito alguma coisa para merecer, em 1 (4,55%) não sente nada, em 2 (9,09%) sentem um pouco de pena, em 8 (36,36%) sentem muita pena e querem ajudar, em 2 (9,09%) sentem-se revoltadas/os, mas não ajudam e em 7 (31,82%) sentem-se revoltadas/os e ajudam a vítima a defender-se. O que sentes quando vês uma / um colega a ser vítima de Bullying?

O que sentes quando vês uma / um colega a ser vítima de Bullying?

Sinto-me revoltada / o e ajudo a vítima a defender-se

Sinto-me revoltada / o, mas não ajudo

Sinto muita pena e quero ajudar

Sinto um pouco de pena

Não sinto nada

Sinto-me revoltada / o e ajudo a vítima a defender-se

Sinto-me revoltada / o, mas não ajudo

Sinto muita pena e quero ajudar

Sinto um pouco de pena

Não sinto nada

Sinto que essa pessoa talvez tenha feito alguma coisa para …

Sinto que essa pessoa talvez tenha feito alguma coisa para…

40,00% 30,00% 20,00% 10,00% 0,00%

8 6 4 2 0

Básico

Sinto que essa pessoa talvez tenha feito alguma coisa para merecer.

Não sinto nada.

Sinto um pouco de pena

Sinto muita pena e quero ajudar

Sinto-me revoltada/o, mas não ajudo

Sinto-me revoltada/o e ajudo a vítima a defender-se

N.º %

2 9,09

1 4,55

2 9,09

8 36,36

2 9,09

7 31,82

No Ensino Secundário, dos 47 alunos que já foram violentos com alguém fora da Escola, 1 aluno (2,17%) sente que essa pessoa talvez tenha feito alguma coisa para merecer, 1 (2,17%) não sentem nada, 6 (13,04%) sentem um pouco de pena, 10 (21,74%) sentem muita pena e querem ajudar, 3 (6,52%) sentem-se revoltadas/os, mas não ajudam e 25 (54,35%) sentem-se revoltadas/os e ajudam a vítima a defender-se. 1 aluno não indicou este dado.

Violência Escolar

Página 156


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

O que sentes quando vês uma / um colega a ser vítima de Bullying?

O que sentes quando vês uma / um colega a ser vítima de Bullying?

Sinto-me revoltada / o e ajudo a vítima a defender-se

Sinto-me revoltada / o, mas não ajudo

Sinto um pouco de pena

Não sinto nada

Sinto que essa pessoa talvez tenha feito alguma coisa para…

Sinto-me revoltada / o e ajudo a vítima a defender-se

Sinto-me revoltada / o, mas não ajudo

Sinto muita pena e quero ajudar

Sinto um pouco de pena

Não sinto nada

Sinto que essa pessoa talvez tenha feito alguma coisa para …

Sinto muita pena e quero ajudar

60,00% 50,00% 40,00% 30,00% 20,00% 10,00% 0,00%

25 20 15 10 5 0

Secundário

Sinto que essa pessoa talvez tenha feito alguma coisa para merecer.

Não sinto nada.

Sinto um pouco de pena

Sinto muita pena e quero ajudar

Sinto-me revoltada/o, mas não ajudo

Sinto-me revoltada/o e ajudo a vítima a defender-se

N.º %

1 2,17

1 2,17

6 13,04

10 21,74

3 6,52

25 54,35

6.11.- Já alguma vez foste violento com alguém na Escola? Dos 68 alunos que já foram violentos com alguém fora da Escola, 43 alunos (63,24%) já foram violentos com alguém na Escola e 25 (36,76%) nunca o foram. Já alguma vez foste violento com alguém na Escola?

Já alguma vez foste violento com alguém na Escola?

Não

Não

Sim

Sim

0

10

20

30

40

Total N.º %

50

0,00%

10,00%

20,00%

Sim 43 63,24

30,00%

40,00%

50,00%

60,00%

70,00%

Não 25 36,76

No Ensino Básico, dos 21 alunos que já foram violentos com alguém fora da Escola, 16 alunos (76,19%) já foram violentos com alguém na Escola e 5 (23,81%) nunca o foram. Já alguma vez foste violento com alguém na Escola?

Já alguma vez foste violento com alguém na Escola?

20

100,00%

10

50,00% 0,00%

0 Sim

Violência Escolar

Não

Sim

Não

Página 157


Escola Secundária de Barcelinhos

Básico N.º %

Ano Letivo 2017/2018

Sim 16 76,19

Não 5 23,81

No Ensino Secundário, dos 47 alunos que já foram violentos com alguém fora da Escola, 27 alunos (57,45%) já foram violentos com alguém na Escola e 20 (42,55%) nunca o foram. Já alguma vez foste violento com alguém na Escola?

Já alguma vez foste violento com alguém na Escola?

30

60,00%

25

50,00%

20

40,00%

15

30,00%

10

20,00%

5

10,00% 0,00%

0 Sim

Sim

Não

Secundário N.º %

Não

Sim 27 57,45

Não 20 42,55

6.12.- Quantas vezes aconteceu essa situação de violência? Dos 43 alunos que já foram violentos com alguém fora da Escola e na Escola, 19 (45,24%) foram violentos 1 ou 2 vezes, 7 (16,67%) foram violentos 2 ou 3 vezes, 5 (11,90) foram violentos 3 ou 4 vezes e 11 (26,19%) foram violentos muitas vezes. 1 aluno não indicou este dado. Quantas vezes aconteceu essa situação de violência?

Quantas vezes aconteceu essa situação de violência?

Muitas vezes

Muitas vezes

Três ou quatro vezes

Três ou quatro vezes

Duas ou três vezes

Duas ou três vezes

Uma ou duas vezes

Uma ou duas vezes 0

Total N.º %

5

10

15

1 ou 2vezes 19 45,24

20

2 ou 3 vezes 7 16,67

0,00%

10,00%

20,00%

3 ou 4 vezes 5 11,90

30,00%

40,00%

50,00%

Muitas vezes 11 26,19

No Ensino Básico, dos 16 alunos que já foram violentos com alguém fora da Escola e na Escola, 8 alunos (53,33%) foram violentos 1 ou 2 vezes, 3 (20,00%) foram violentos 2 ou 3 vezes, 1 (6,67%) foi violento 3 ou 4 vezes e 3 (20,00%) foram violentos muitas vezes. 1 aluno não referiu este dado.

Violência Escolar

Página 158


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Quantas vezes aconteceu essa situação de violência?

Quantas vezes aconteceu essa situação de violência?

60,00%

8 6

40,00%

4

20,00%

2

0,00%

0 Uma ou duas vezes

Duas ou três vezes

Básico N.º %

Três ou quatro vezes

Uma ou duas vezes

Muitas vezes

1 ou 2vezes 8 53,33

2 ou 3 vezes 3 20,00

Duas ou três vezes

3 ou 4 vezes 1 6,67

Três ou quatro vezes

Muitas vezes

Muitas vezes 3 20,00

No Ensino Secundário, dos 27 alunos que já foram violentos com alguém fora da Escola e na Escola, 11 (40,74%) foram violentos 1 ou 2 vezes, 4 (14,81%) foram violentos 2 ou 3 vezes, 4 (14,81%) foram violentos 3 ou 4 vezes e 8 (29,63%) foram violentos muitas vezes. Quantas vezes aconteceu essa situação de violência?

Quantas vezes aconteceu essa situação de violência? 50,00%

12

10

40,00%

8

30,00%

6

20,00%

4

10,00%

2 0

0,00% Uma ou duas vezes Duas ou três vezes

Secundário N.º %

Três ou quatro vezes

Muitas vezes

1 ou 2vezes 11 40,74

Uma ou duas vezes Duas ou três vezes

2 ou 3 vezes 4 14,81

3 ou 4 vezes 4 14,81

Três ou quatro vezes

Muitas vezes

Muitas vezes 8 29,63

6.13.- De que forma foste violento com essa pessoa? Dos 43 alunos que já foram violentos com alguém fora da Escola e na Escola, em 21 casos (30,88%) chamaram nomes, em 14 (20,59%) assustaram e meteram medo ao colega, em 1 (1,47%) tirou-lhe coisas, em 20 (29,41%) bateram-lhe, em 8 (11,76%) ignoraram-no e não lhe falaram e em 4 (5,88%) foram violentos de outra forma. De que forma foste violento com essa pessoa?

De que forma foste violento com essa pessoa?

Outra forma

Outra forma

Ignorei-o e não lhe falei

Ignorei-o e não lhe falei

Bati-lhe

Bati-lhe

Tirei-lhe coisas dele

Tirei-lhe coisas dele

Assustei-o e meti-lhe medo

Assustei-o e meti-lhe medo

Chamei-lhe nomes

Chamei-lhe nomes 0

5

10

Violência Escolar

15

20

25

0,00% 5,00% 10,00% 15,00% 20,00% 25,00% 30,00% 35,00%

Página 159


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Total

Chamei-lhe nomes

Assustei-o e meti-lhe medo

Tirei-lhe coisas dele

Bati-lhe

Ignorei-o e não lhe falei

Outra forma

N.º %

21 30,88

14 20,59

1 1,47

20 29,41

8 11,76

4 5,88

No Ensino Básico, dos 16 alunos que já foram violentos com alguém fora da Escola e na Escola, em 7 casos (35,00%) chamaram nomes, em 3 (15,00%) assustaram-no e meteram-lhe medo, em 7 (35,00%) bateram-lhe, em 2 (10,00%) ignoraram-no e não falaram com o colega e em 1 (5,00%) foram violentos de outra forma. De que forma foste violento com essa pessoa?

De que forma foste violento com essa pessoa?

40,00%

8

30,00%

6

20,00%

4

10,00%

2

0,00%

0 Chamei-lhe nomes

Assustei-o e meti-lhe medo

Tirei-lhe coisas dele

Bati-lhe

Ignorei-o e não lhe falei

Chamei-lhe nomes

Outra forma

Assustei-o e meti-lhe medo

Tirei-lhe coisas dele

Bati-lhe

Ignorei-o e Outra forma não lhe falei

Básico

Chamei-lhe nomes

Assustei-o e meti-lhe medo

Tirei-lhe coisas dele

Bati-lhe

Ignorei-o e não lhe falei

Outra forma

N.º %

7 35,00

3 15,00

0 0,00

7 35,00

2 10,00

1 5,00

No Ensino Secundário, dos 27 alunos que já foram violentos com alguém fora da Escola e na Escola, em 14 casos (29,17%) chamaram nomes, em 11 (22,92%) assustaram e meteram medo ao colega, em 1 (2,08%) tirou-lhe coisas, em 13 (27,08%) bateram-lhe, em 6 (12,50%) ignoraram-no e não lhe falaram e em 3 (6,25%) foram violentos de outra forma. De que forma foste violento com essa pessoa?

De que forma foste violento com essa pessoa? 30,00%

14 12

25,00%

10

20,00%

8

15,00%

6

10,00%

4 2

5,00%

0

0,00%

Chamei-lhe nomes

Assustei-o e meti-lhe medo

Tirei-lhe coisas dele

Bati-lhe

Ignorei-o e não lhe falei

Chamei-lhe Assustei-o e Tirei-lhe nomes meti-lhe coisas dele medo

Outra forma

Bati-lhe

Ignorei-o e Outra forma não lhe falei

Secundário

Chamei-lhe nomes

Assustei-o e meti-lhe medo

Tirei-lhe coisas dele

Bati-lhe

Ignorei-o e não lhe falei

Outra forma

N.º %

14 29,17

11 22,92

1 2,08

13 27,08

6 12,50

3 6,25

Violência Escolar

Página 160


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

6.14.- O que sentiste quando foste violento com essa pessoa? Dos 43 alunos que já foram violentos com alguém fora da Escola e na Escola, 11 alunos (25,58%) sentiram-se bem, 14 (32,56%) não sentiram nada, 4 (9,30%) sentiram-se mal e 14 (32,56%) sentiram-se arrependidos. O que sentiste quando foste violento com essa pessoa?

O que sentiste quando foste violento com essa pessoa?

Senti-me arrependido

Senti-me arrependido

Senti-me mal

Senti-me mal

Não senti nada

Não senti nada

Senti-me bem

Senti-me bem 0

2

4

6

8

10

12

Total

Senti-me bem

N.º %

11 25,58

14

0,00%

Não senti nada 14 32,56

5,00%

10,00% 15,00% 20,00% 25,00% 30,00% 35,00%

Senti-me arrependido 14 32,56

Senti-me mal 4 9,30

No Ensino Básico, dos 16 alunos que já foram violentos com alguém fora da Escola e na Escola, 4 alunos (26,67%) sentiram-se bem, 4 (26,67%) não sentiram nada, 2 (13,33%) sentiram-se mal e 5 (33,33%) sentiram-se arrependidos. 1 aluno não indicou este dado. O que sentiste quando foste violento com essa pessoa?

O que sentiste quando foste violento com essa pessoa?

40,00% 30,00% 20,00% 10,00% 0,00%

6 4

2 0 Senti-me bem

Não senti nada

Senti-me mal

Senti-me bem

Senti-me arrependido

Básico

Senti-me bem

N.º %

4 26,67

Não senti nada 4 26,67

Não senti nada

Senti-me mal

Senti-me mal 2 13,33

Senti-me arrependido

Senti-me arrependido 5 33,33

No Ensino Secundário, dos 27 alunos que já foram violentos com alguém fora da Escola e na Escola, em 7 situações (25,00%) sentiram-se bem, em 10 (35,71%) não sentiram nada, em 2 (7,14%) sentiram-se mal e em 9 (32,14%) sentiram-se arrependidos.

Violência Escolar

Página 161


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

O que sentiste quando foste violento com essa pessoa?

O que sentiste quando foste violento com essa pessoa? 40,00% 35,00% 30,00% 25,00% 20,00% 15,00% 10,00% 5,00% 0,00%

10 8

6 4 2 0 Senti-me bem

Não senti nada

Senti-me mal

Senti-me arrependido

Secundário

Senti-me bem

N.º %

7 25,00

Senti-me bem

Não senti nada 10 35,71

Não senti nada

Senti-me mal

Senti-me mal 2 7,14

Senti-me arrependido

Senti-me arrependido 9 32,14

6.15.- Contaste a alguém sobre teres sido violento? Dos 43 alunos que já foram violentos com alguém fora da Escola e na Escola, 24 alunos (58,54%) contaram o sucedido e 17 (41,46%) não contaram a ninguém. 2 alunos não indicaram este dado. Contaste a alguém sobre teres sido violento?

Contaste a alguém sobre teres sido violento?

Não

Não

Sim

Sim

0

5

10

15

20

Total N.º %

25

0,00%

10,00%

20,00%

Sim 24 58,54

30,00%

40,00%

50,00%

60,00%

Não 17 41,46

No Ensino Básico, dos 16 alunos que já foram violentos com alguém fora da Escola e na Escola, 9 alunos (64,29%) contou o sucedido e 5 (35,71%) não contaram a ninguém. 2 alunos não indicaram este dado. Contaste a alguém sobre teres sido violento?

Contaste a alguém sobre teres sido violento?

80,00%

10

60,00% 40,00%

5

20,00% 0,00%

0 Sim

Básico N.º % Violência Escolar

Sim

Não

Sim 9 64,29

Não

Não 5 35,71 Página 162


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

No Ensino Secundário, dos 27 alunos que já foram violentos com alguém fora da Escola e na Escola, 15 alunos (55,56%) contaram o sucedido e 12 (44,44%) não contaram a ninguém. Contaste a alguém sobre teres sido violento?

Contaste a alguém sobre teres sido violento?

16

60,00%

14

50,00%

12

40,00%

10 8

30,00%

6

20,00%

4

10,00%

2

0,00%

0 Sim

Sim

Não

Secundário N.º %

Não

Sim 15 55,56

Não 12 44,44

6.16.- A quem contaste? Dos 24 alunos que já foram violentos com alguém fora da Escola e na Escola, e contaram a alguém, em 1 caso (2,50%) contou a uma professora ou professor, em 1 (2,50%) contou a um adulto que não professora ou professor, em 9 (22,50%) contaram à Mãe e/ou ao Pai, em 6 (15,00%) contaram à irmã e/ou ao irmão, em 19 (47,50%) a uma amiga e/ou amigo, em 2 (5,00%) a um familiar adulto e em 2 (5,00%) contaram a outra pessoa. A quem contaste?

A quem contaste?

Outra pessoa

Outra pessoa

Familiar adulto

Familiar adulto

Amiga e / ou Amigo

Amiga e / ou Amigo

Irmã e / ou Irmão

Irmã e / ou Irmão Mãe e / ou Pai

Mãe e / ou Pai

Outro adulto da escola que não a professora ou …

Outro adulto da escola que não a professora ou o …

Professora / Professor

Professora / Professor

0

5

10

15

Total

Professora /Professor

Outro adulto da escola que não a professora ou o professor

N.º %

1 2,50

1 2,50

0,00% 10,00% 20,00% 30,00% 40,00% 50,00%

20

Mãe e/ou Pai

Irmã e/ou Irmão

9

6

22,50

15,00

Amiga e/ou Amigo

Familiar adulto

Outra pessoa

19 47,50

2 5,00

2 5,00

No Ensino Básico, dos 9 alunos que já foram violentos com alguém fora da Escola e na Escola, e contaram a alguém, em 6 casos (37,50%) contaram à Mãe e/ou ao Pai, em 3 (18,75%) contaram à irmã e/ou ao irmão, em 6 (37,50%) contaram a uma amiga e/ou amigo e em 1 (6,25%) contou a um familiar adulto.

Violência Escolar

Página 163


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

A quem contaste?

A quem contaste?

Professora /Professor

N.º %

0 0,00

0 0,00

Outra pessoa

Familiar adulto

Outro adulto da escola que não a professora ou o professor

Professora / Professor

Outra pessoa

Familiar adulto

Amiga e / ou Amigo

Irmã e / ou Irmão

Mãe e / ou Pai

Outro adulto da escola que não a professora ou o professor

Professora / Professor

Básico

Outro adulto da escola que não a professora ou o professor

Amiga e / ou Amigo

2

0

Irmã e / ou Irmão

4

Mãe e / ou Pai

40,00% 30,00% 20,00% 10,00% 0,00%

6

Mãe e/ou Pai

Irmã e/ou Irmão

Amiga e/ou Amigo

Familiar adulto

Outra pessoa

6 37,50

3 18,75

6 37,50

1 6,25

0 0,00

No Ensino Secundário, dos 15 alunos que já foram violentos com alguém fora da Escola e na Escola, e contaram a alguém, em 1 caso (4,17%) contou a uma professora ou professor, em 1 (4,17%) contou a um adulto que não professora ou professor, em 3 (12,50%) contaram à Mãe e/ou ao Pai, em 3 (12,50%) contaram à irmã e/ou ao irmão, em 13 (54,17%) a uma amiga e/ou amigo, em 1 (4,17%) a um familiar adulto e em 2 (8,33%) contaram a outra pessoa. A quem contaste?

A quem contaste?

Professora /Professor

N.º %

1 4,17

1 4,17

Outra pessoa

Familiar adulto

Amiga e / ou Amigo

Irmã e / ou Irmão

Mãe e / ou Pai

Professora / Professor

Outra pessoa

Familiar adulto

Amiga e / ou Amigo

Irmã e / ou Irmão

Mãe e / ou Pai

Outro adulto da escola que não a professora ou o professor

Professora / Professor

Secundário

Outro adulto da escola que não a professora ou o professor

Outro adulto da escola que não a professora ou o professor

60,00% 50,00% 40,00% 30,00% 20,00% 10,00% 0,00%

14 12 10 8 6 4 2 0

Mãe e/ou Pai

Irmã e/ou Irmão

Amiga e/ou Amigo

Familiar adulto

Outra pessoa

3 12,50

3 12,50

13 54,17

1 4,17

2 8,33

6.17.- O que te disse essa pessoa a quem contaste? Dos 24 alunos que já foram violentos com alguém fora da Escola e na Escola, e contaram a alguém, em 4 casos (13,33%) foi dito para continuar, porque era normal, em 5 (16,67%) não ligaram ao que disse, em 8 (26,67%) disseram para não voltar a

Violência Escolar

Página 164


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

fazer o mesmo e em 13 (43,33%) disseram que tinham feito mal e explicaram o motivo. O que te disse essa pessoa a quem contaste?

O que te disse essa pessoa a quem contaste?

Disse-me que tinha feito mal e explicou porquê

Disse-me que tinha feito mal e explicou porquê

Disse-me para não voltar a fazer o mesmo

Disse-me para não voltar a fazer o mesmo

Não ligou ao que eu disse

Não ligou ao que eu disse

Disse-me para continuar, porque era normal

Disse-me para continuar, porque era normal 0

Total N.º %

2

4

6

8

Disse-me para continuar, porque era normal 4 13,33

10

12

0,00%5,00% 10,00% 15,00% 20,00% 25,00% 30,00% 35,00% 40,00% 45,00%

14

Não ligou ao que eu disse 5 16,67

Disse-me para não voltar a fazer o mesmo 8 26,67

Disse-me que tinha feito mal e explicou porquê 13 43,33

No Ensino Básico, dos 9 alunos que já foram violentos com alguém fora da Escola e na Escola, e contaram a alguém, em 2 casos (18,18%) foi dito para continuar, porque era normal, em 1 (9,09%) não ligaram ao que foi dito, em 4 (36,36%) foi dito para não voltar a fazer o mesmo e em 4 (36,36%) disseram que tinham feito mal e explicaram o motivo. O que te disse essa pessoa a quem contaste?

O que te disse essa pessoa a quem contaste?

4

40,00%

3

30,00%

2

20,00%

1

10,00% 0,00%

0 Disse-me para continuar, porque era normal

Básico N.º %

Não ligou ao que eu disse

Disse-me para não voltar a fazer o mesmo

Disse-me para continuar, porque era normal

Disse-me que tinha feito mal e explicou porquê

Disse-me para continuar, porque era normal 2 18,18

Não ligou ao que eu disse 1 9,09

Não ligou ao que eu Disse-me para não disse voltar a fazer o mesmo

Disse-me para não voltar a fazer o mesmo 4 36,36

Disse-me que tinha feito mal e explicou porquê

Disse-me que tinha feito mal e explicou porquê 4 36,36

No Ensino Secundário, dos 15 alunos que já foram violentos com alguém fora da Escola e na Escola, e contaram a alguém, em 2 situações (10,53%) foi dito para continuar, porque era normal, em 4 (21,05%) não ligaram ao que disseram, em 4 (21,05%) disseram para não voltarem a fazer o mesmo e em 9 (47,37%) disseram que tinham feito mal e explicaram o motivo.

Violência Escolar

Página 165


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

O que te disse essa pessoa a quem contaste?

O que te disse essa pessoa a quem contaste? 50,00% 45,00% 40,00% 35,00% 30,00% 25,00% 20,00% 15,00% 10,00% 5,00% 0,00%

9 8 7 6 5 4 3 2 1 0 Disse-me para continuar, porque era normal

Disse-me para Não ligou ao que eu Disse-me para não Disse-me que tinha continuar, porque disse voltar a fazer o feito mal e explicou era normal mesmo porquê

Não ligou ao que eu Disse-me para não Disse-me que tinha disse voltar a fazer o feito mal e explicou mesmo porquê

Disse-me para continuar, porque era normal 2 10,53

Secundário N.º %

Não ligou ao que eu disse 4 21,05

Disse-me para não voltar a fazer o mesmo 4 21,05

Disse-me que tinha feito mal e explicou porquê 9 47,37

6.18.- Quando foste violento com outra pessoa na Escola, isso aconteceu por te juntares a outros colegas? Dos 43 alunos que já foram violentos com alguém fora da Escola e na Escola, 4 alunos (9,52%) foram violentos por se juntar a outros colegas e 38 (90,48%) foramno sem se juntarem a ninguém. 1 aluno não indicou este dado. Quando foste violento com outra pessoa na Escola , isso aconteceu por te juntares a outros colegas?

Quando foste violento com outra pessoa na Escola , isso aconteceu por te juntares a outros colegas?

Não

Não

Sim

Sim

0

5

10

15

20

25

30

Total N.º %

35

40

0,00%

20,00%

40,00%

Sim 4 9,52

60,00%

80,00%

100,00%

Não 38 90,48

No Ensino Básico, dos 16 alunos que já foram violentos com alguém fora da Escola e na Escola, 1 aluno (6,67%) foi violento por se juntar a outros colegas e 14 (93,33%) foram-no sem se juntarem a ninguém. 1 aluno não indicou este dado. Quando foste violento com outra pessoa na Escola , isso aconteceu por te juntares a outros colegas?

Quando foste violento com outra pessoa na Escola , isso aconteceu por te juntares a outros colegas?

100,00%

15

10

50,00%

5

0,00%

0 Sim

Violência Escolar

Não

Sim

Não

Página 166


Escola Secundária de Barcelinhos

Básico N.º %

Ano Letivo 2017/2018

Sim 1 6,67

Não 14 93,33

No Ensino Secundário, dos 27 alunos que já foram violentos com alguém fora da Escola e na Escola, 3 alunos (11,11%) foram violentos por se juntarem a outros colegas e 24 (88,89%) foram-no sem se juntarem a ninguém. Quando foste violento com outra pessoa na Escola , isso aconteceu por te juntares a outros colegas?

Quando foste violento com outra pessoa na Escola , isso aconteceu por te juntares a outros colegas?

25

100,00%

20

80,00%

15

60,00%

10

40,00%

5

20,00% 0,00%

0 Sim

Sim

Não

Secundário N.º %

Não

Sim 3 11,11

Não 24 88,89

6.19.- O que te disseram esses colegas para seres violento? Dos 4 alunos que já foram violentos com alguém fora da Escola e na Escola, e o fizeram por se juntarem a outros colegas, todos (100,00%) o fizeram por vontade própria, sem os colegas dizerem alguma coisa. O que te disseram esses colegas para seres violento?

O que te disseram esses colegas para seres violento?

Não disseram nada. Fui porque me apeteceu

Não disseram nada. Fui porque me apeteceu

Disseram que se não o fizesse me batiam a mim

Disseram que se não o fizesse me batiam a mim

Disseram que já era normal fazerem aquilo

Disseram que já era normal fazerem aquilo

Disseram que era só uma vez

Disseram que era só uma vez

Disseram que tinha de participar para sermos …

Disseram que tinha de participar para sermos…

Disseram que era normal

Disseram que era normal

0

1

2

3

4

0,00% 20,00% 40,00% 60,00% 80,00% 100,00%

5

Total

Disseram que era normal

Disseram que tinha de participar para sermos amigos

Disseram que era só uma vez

Disseram que já era normal fazerem aquilo

Disseram que se não o fizesse me batiam a mim

Não disseram nada. Fui porque me apeteceu

N.º %

0 0,00

0 0,00

0 0,00

0 0,00

0 0,00

4 100,00

No Ensino Básico, o aluno que já foi violento com alguém fora da Escola e na Escola, e o fez por se juntar a outros colegas, fê-lo por vontade própria, sem os colegas dizerem alguma coisa.

Violência Escolar

Página 167


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

O que te disseram esses colegas para seres violento?

O que te disseram esses colegas para seres violento?

100,00%

2 1,5 1 0,5 0

50,00%

0,00% Disseram que era normal

Disseram que Disseram que Disseram que Disseram que Disseram que Não disseram era normal tinha de era só uma já era normal se não o nada. Fui participar vez fazerem fizesse me porque me para sermos aquilo batiam a mim apeteceu amigos

Básico

Disseram que era normal

Disseram que tinha de participar para sermos amigos

N.º %

0 0,00

0 0,00

Disseram que tinha de participar para sermos amigos

Disseram que era só uma vez

Disseram que já era normal fazerem aquilo

Disseram que se não o fizesse me batiam a mim

Não disseram nada. Fui porque me apeteceu

Disseram que era só uma vez

Disseram que já era normal fazerem aquilo

Disseram que se não o fizesse me batiam a mim

Não disseram nada. Fui porque me apeteceu

0 0,00

0 0,00

0 0,00

1 100,00

No Ensino Secundário, dos 3 alunos que já foram violentos com alguém fora da Escola e na Escola, e o fizeram por se juntarem a outros colegas, todos (100,00%) o fizeram por vontade própria, sem os colegas dizerem alguma coisa. O que te disseram esses colegas para seres violento?

O que te disseram esses colegas para seres violento? 100,00%

3 2,5 2 1,5 1 0,5 0

80,00% 60,00% 40,00% 20,00%

0,00% Disseram que era normal

Disseram Disseram que tinha de que era só participar uma vez para sermos amigos

Disseram Disseram Disseram que era que tinha de que era só normal participar uma vez para sermos amigos

Disseram Disseram Não que já era que se não o disseram normal fizesse me nada. Fui fazerem batiam a mim porque me aquilo apeteceu

Secundário

Disseram que era normal

Disseram que tinha de participar para sermos amigos

N.º %

0 0,00

0 0,00

Disseram Disseram que já era que se não o normal fizesse me fazerem batiam a aquilo mim

Não disseram nada. Fui porque me apeteceu

Disseram que era só uma vez

Disseram que já era normal fazerem aquilo

Disseram que se não o fizesse me batiam a mim

Não disseram nada. Fui porque me apeteceu

0 0,00

0 0,00

0 0,00

3 100,00

6.20.- Alunos que foram violentos fora da Escola e sofreram Bullying. Dos 68 alunos que foram violentos fora da Escola, 16 (23,53%) também já foram vítimas de Bullying e 52 (76,47%) nunca o foram.

Violência Escolar

Página 168


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Alguma vez foste vítima de Bullying?

Alguma vez foste vítima de Bullying?

Não

Não

Sim

Sim

0

10

20

30

40

50

Total N.º %

60

0,00%

20,00%

Sim 16 23,53

40,00%

60,00%

80,00%

Não 52 76,47

No Ensino Básico, dos 21 alunos que foram violentos fora da Escola, 4 (19,05%) também foram vítimas de Bullying e 17 (80,95%) nunca o foram. Alguma vez foste vítima de Bullying?

Alguma vez foste vítima de Bullying?

100,00%

20 15

50,00%

10 5

0,00%

0 Sim

Sim

Não

Básico N.º %

Não

Sim 4 19,05

Não 17 80,95

No Ensino Secundário, dos 47 alunos que foram violentos fora da Escola, 12 (25,53%) também foram vítimas de Bullying e 35 (74,47%) nunca o foram. Alguma vez foste vítima de Bullying?

Alguma vez foste vítima de Bullying?

80,00%

35

70,00%

30

60,00%

25

50,00%

20

40,00%

15

30,00%

10

20,00%

5

10,00% 0,00%

0 Sim

Secundário N.º %

Sim

Não

Sim 12 25,53

Não

Não 35 74,47

6.21.- Alunos que foram violentos fora da Escola e sofreram Cyberbullying. Dos 68 alunos que foram violentos fora da Escola, 4 (5,97%) também já foram vítimas de Cyberbullying e 63 (94,03%) nunca o foram. 1 aluno não indicou este dado. Violência Escolar

Página 169


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Alguma vez foste vítima de Ciberbullying?

Alguma vez foste vítima de Ciberbullying?

Não

Não

Sim

Sim

0

10

20

30

40

50

Total N.º %

60

70

0,00%

20,00%

40,00%

Sim 4 5,97

60,00%

80,00%

100,00%

Não 63 94,03

No Ensino Básico, dos 21 alunos que foram violentos fora da Escola, 1 (4,76%) também foi vítima de Cyberbullying e 20 (95,24%) nunca o foram. Alguma vez foste vítima de Ciberbullying?

Alguma vez foste vítima de Ciberbullying?

100,00%

20 15

50,00%

10 5

0,00%

0 Sim

Sim

Não

Básico N.º %

Sim 1 4,76

Não

Não 20 95,24

No Ensino Secundário, dos 47 alunos que foram violentos fora da Escola, 3 (6,52%) também foram vítimas de Cyberbullying e 43 (93,48%) nunca o foram. 1 aluno não indicou este dado. Alguma vez foste vítima de Ciberbullying?

Alguma vez foste vítima de Ciberbullying?

100,00%

45 40 35 30 25 20 15 10 5 0

80,00% 60,00% 40,00% 20,00% 0,00% Sim

Secundário N.º %

Violência Escolar

Sim

Não

Sim 3 6,52

Não

Não 43 93,48

Página 170


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Alunos que praticaram violência na Escola

Violência Escolar

Página 171


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

7.- Caracterização dos alunos que praticaram violência na Escola. 7.1.- Por idade. Dos 75 alunos que já foram violentos com alguém na Escola, 8 (10,67%) têm 12 anos, 9 (12,00%) têm 13 anos, 6 (8,00%) têm 14 anos, 21 (28,00%) têm 15 anos, 16 (21,33%) têm 16 anos, 9 (12,00%) têm 17 anos e 6 (8,00%) têm 18 anos. Idade

Idade

19

19

18

18

17

17

16

16

15

15

14

14

13

13

12

12 0

5

10

Total N.º %

15

12 8 10,67

20

13 9 12,00

25

14 6 8,00

0,00%

5,00%

15 21 28,00

10,00%

15,00%

16 16 21,33

20,00%

25,00%

17 9 12,00

30,00%

18 6 8,00

No Ensino Básico, dos 26 alunos que já foram violentos com alguém na Escola, 8 (30,77%) têm 12 anos, 9 (34,62%) têm 13 anos, 6 (23,08%) têm 14 anos e 3 (11,54%) têm 15 anos. Idade

Idade

40,00%

10

30,00%

20,00%

5

10,00%

0,00%

0 11

Básico N.º %

12

13

12 8 30,77

14

15

11

16

13 9 34,62

12

14 6 23,08

13

14

15

16

15 3 11,54

No Ensino Secundário, dos 49 alunos que já foram violentos com alguém na Escola, 18 (36,73%) têm 15 anos, 16 (32,65%) têm 16 anos, 9 (18,37%) têm 17 anos e 6 (12,24%) têm 18 anos.

Violência Escolar

Página 172


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Idade

Idade

18

40,00%

16

35,00%

14

30,00%

12

25,00%

10

20,00%

8

15,00%

6

10,00%

4

2

5,00%

0

0,00% 15

16

17

18

Secundário N.º %

19

20

21

22

15 18 36,73

15

16 16 32,65

16

17

18

19

20

17 9 18,37

21

22

18 6 12,24

7.2.- Por género. Dos 75 alunos que já foram violentos com alguém na Escola, 20 (26,67%) são do género feminino e 55 (73,33%) são do género masculino. Género

Género

Rapaz

Rapaz

Rapariga

Rapariga

0

10

20

30

40

Total N.º %

50

60

0,00%

20,00%

40,00%

Rapariga 20 26,67

60,00%

80,00%

Rapaz 55 73,33

No Ensino Básico, dos 26 alunos que já foram violentos com alguém na Escola, 7 (26,92%) são do género feminino e 19 (73,08%) são do género masculino. Género

Género

20

80,00%

15

60,00%

10

40,00%

5

20,00% 0,00%

0 Rapariga

Básico N.º %

Rapariga

Rapaz

Rapariga 7 26,92

Rapaz

Rapaz 19 73,08

No Ensino Secundário, dos 49 alunos que já foram violentos com alguém na Escola, 13 (26,53%) são do género feminino e 36 (73,47%) são do género masculino. Violência Escolar

Página 173


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Género

Género

80,00%

40 35

70,00%

30

60,00%

25

50,00%

20

40,00%

15

30,00%

10

20,00%

5

10,00%

0

0,00% Rapariga

Rapaz

Rapariga

Secundário N.º %

Rapariga 13 26,53

Rapaz

Rapaz 36 73,47

7.3.- Por ano de escolaridade. Dos 75 alunos que já foram violentos com alguém na Escola, 13 (17,33%) frequentam o 7.º ano, 7 (9,33%) frequentam o 8.º ano, 6 (8,00%) frequentam o 9.º ano, 29 (28,67%) frequentam o 10.º ano, 8 (10,67%) frequentam o 11.º ano e 12 (16,00%) frequentam o 12.º ano. 57 alunos (76,00%) frequentam o Ensino Regular e 18 (24,00%) frequentam o Ensino Profissional. Ano de Escolaridade

Ano de Escolaridade

Profissional

Profissional

Regular

Regular

12.º

12.º

11.º

11.º

10.º

10.º

9.º

9.º

8.º

8.º

7.º

7.º 0

Total N.º %

10

7.º 13 17,33

20

30

8.º 7 9,33

40

9.º 6 8,00

50

60

10.º 29 28,67

0,00% 10,00% 20,00% 30,00% 40,00% 50,00% 60,00% 70,00% 80,00%

11.º 8 10,67

12.º 12 16,00

Regular Profissional 57 18 76,00 24,00

No Ensino Básico, dos 26 alunos que já foram violentos com alguém na Escola, 13 (50,00%) frequentam o 7.º ano, 7 (26,92%) frequentam o 8.º ano e 6 (23,08%) frequentam o 9.º ano. Todos os alunos (100,00%) frequentam o Ensino Regular.

Violência Escolar

Página 174


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Ano de Escolaridade

Ano de Escolaridade

100,00%

30 20

50,00%

10 0,00%

0 7.º

8.º

Básico N.º %

9.º

Regular

Profissional

7.º 13 50,00

7.º

CEF

8.º 7 26,92

8.º

9.º

Regular

9.º 6 23,08

Profissional

CEF

Regular 26 100,00

No Ensino Secundário, dos 49 alunos que já foram violentos com alguém na Escola, 29 (59,18%) frequentam o 10.º ano, 8 (16,33%) frequentam o 11.º ano e 12 (24,49%) frequentam o 12.º ano. 31 alunos (63,27%) frequentam o Ensino Regular e 18 (36,73%) frequentam o Ensino Profissional. Ano de Escolaridade

Ano de Escolaridade

35

70,00%

30

60,00%

25

50,00%

20

40,00%

15

30,00%

10

20,00%

5

10,00% 0,00%

0 10.º

11.º

12.º

Secundário N.º %

Regular

Profissional

10.º 29 59,18

10.º

CEF

11.º 8 16,33

12.º 12 24,49

11.º

12.º

Regular 31 63,27

Regular

Profissional

CEF

Profissional 18 36,73

7.4.- Percurso escolar. Dos 75 alunos que já foram violentos com alguém na Escola, 16 (21,33%) já reprovaram e 59 (78,67%) nunca reprovaram. Dos 16 que já reprovaram, a 12 (80,00%) aconteceu 1 só vez, a 2 (13,33%) aconteceu 2 vezes e a 1 (6,67%) aconteceu 3 ou 4 vezes. 1 aluno não indicou este dado. Já alguma vez reprovaste?

Já alguma vez reprovaste?

Não

Não

Sim

Sim

0

10

20

30

Violência Escolar

40

50

60

0,00%

20,00%

40,00%

60,00%

80,00%

Página 175


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Quantas vezes reprovaste?

Quantas vezes reprovaste?

Cinco ou mais vezes

Cinco ou mais vezes

Três ou quatro vezes

Três ou quatro vezes

Duas Vezes

Duas Vezes

Uma vez

Uma vez 0

2

4

Total N.º %

6

8

10

12

0,00%

20,00%

Sim 16 21,33

Total N.º %

1 vez 12 80,00

40,00%

60,00%

80,00%

Não 59 78,67 2 vezes 2 13,33

3 ou 4 vezes 1 6,67

5 ou + vezes 0 0,00

No Ensino Básico, dos 26 alunos que já foram violentos com alguém na Escola, 5 (19,23%) já reprovaram e 21 (80,77%) nunca reprovaram. Aos 5 que já reprovaram, em 3 situações (60,00%) aconteceu 1 só vez e em 2 (40,00%) aconteceu 2 vezes. Já alguma vez reprovaste?

Já alguma vez reprovaste?

100,00%

30

20

50,00%

10

0,00%

0 Sim

Sim

Não

Quantas vezes reprovaste?

Não

Quantas vezes reprovaste?

60,00% 50,00% 40,00% 30,00% 20,00% 10,00% 0,00%

5 4 3

2 1 0 Uma vez

Duas Vezes

Três ou quatro vezes

Básico N.º % Básico N.º %

Cinco ou mais vezes

Não Respondeu

Uma vez

Duas Vezes

Três ou quatro vezes

Sim 5 19,23 1 vez 3 60,00

Cinco ou mais vezes

Não Respondeu

Não 21 80,77 2 vezes 2 40,00

3 ou 4 vezes 0 0,00

5 ou + vezes 0 0,00

No Ensino Secundário, dos 49 alunos que já foram violentos com alguém na Escola,

Violência Escolar

Página 176


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

11 (22,45%) já reprovaram e 38 (77,55%) nunca reprovaram. Aos 11 que já reprovaram, isso aconteceu 1 vez a 9 deles (90,00%) e 3 ou 4 vezes a 1 outro (10,00%). 1 aluno não indicou este dado. Já alguma vez reprovaste?

Já alguma vez reprovaste?

80,00%

40 35

70,00%

30

60,00%

25

50,00%

20

40,00%

15

30,00%

10

20,00%

5

10,00% 0,00%

0 Sim

Sim

Não

Quantas vezes reprovaste?

Não

Quantas vezes reprovaste? 90,00% 80,00% 70,00% 60,00% 50,00% 40,00% 30,00% 20,00% 10,00% 0,00%

12 10 8

6 4 2 0 Uma vez

Duas Vezes

Três ou quatro vezes

Secundário N.º % Secundário N.º %

Cinco ou mais vezes

Não Respondeu

Uma vez

Sim 11 22,45 1 vez 9 90,00

2 vezes 0 0,00

Duas Vezes

Três ou quatro vezes

Cinco ou mais Não Respondeu vezes

Não 38 77,55 3 ou 4 vezes 5 ou + vezes 1 0 10,00 0,00

7.5.- Já ouviste falar em Bullying e/ou em Cyberbullying? Dos 75 alunos que já foram violentos com alguém na Escola, 2 (2,67%) já ouviram falar só de Bullying e 73 (97,33%) já ouviram falar tanto de Bullying como de Cyberbullying. Já ouviste falar em Bullying e/ou em Ciberbullying?

Já ouviste falar em Bullying e/ou em Ciberbullying?

Não

Não

Sim, do Ciberbullying

Sim, do Ciberbullying

Sim, de ambos

Sim, de ambos

Sim, do Bullying

Sim, do Bullying

0

Total N.º %

20

40

Sim, do Bullying 2 2,67

60

80

Sim, de ambos 73 97,33

0,00%

20,00%

40,00%

60,00%

Sim, do Cyberbullying 0 0,00

80,00% 100,00%

Não 0 0,00

No Ensino Básico, dos 26 alunos que já foram violentos com alguém na Escola, Violência Escolar

Página 177


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

todos (100,00%) já ouviram falar tanto de Bullying como de Cyberbullying. Já ouviste falar em Bullying e/ou em Ciberbullying?

Já ouviste falar em Bullying e/ou em Ciberbullying?

30

100,00%

20

50,00%

10

0,00%

0 Sim, do Bullying

Básico N.º %

Sim, de ambos

Sim, do Ciberbullying

Sim, do Bullying

Não

Sim, do Bullying 0 0,00

Sim, de ambos

Sim, do Ciberbullying

Não

Sim, de ambos Sim, do Cyberbullying 26 0 100,00 0,00

Não 0 0,00

No Ensino Secundário, dos 49 alunos que já foram violentos com alguém na Escola, 2 (4,08%) só ouviram falar de Bullying e 47 (95,92%) já ouviram falar tanto de Bullying como de Cyberbullying. Já ouviste falar em Bullying e/ou em Ciberbullying?

Já ouviste falar em Bullying e/ou em Ciberbullying? 100,00%

50

40

80,00%

30

60,00%

20

40,00%

10

20,00% 0,00%

0 Sim, do Bullying

Secundário N.º %

Sim, de ambos

Sim, do Ciberbullying

Sim, do Bullying 2 4,08

Não

Sim, do Bullying

Sim, de ambos

Sim, do Ciberbullying

Sim, de ambos Sim, do Cyberbullying 47 0 95,92 0,00

Não

Não 0 0,00

7.6.- Na tua escola alguém já te informou sobre o Bullying e/ou o Cyberbullying? Quem te informou sobre Bullying e/ou o Cyberbullying na escola? Dos 75 alunos que já foram violentos com alguém na Escola, 1 aluno (1,33%) disse que na escola tinha ouvido falar unicamente de Bullying. Por outro lado, 5 alunos (6,67%) afirmaram ter unicamente ouvido falar de Cyberbullying na escola. 68 alunos (90,67%) ouviram falar de Bullying e Cyberbullying enquanto frequentavam a escola, mas 1 (1,33%) não ouviu falar de nenhuma das realidades. Em 20 casos (17,86%) receberam a informação através de uma professora ou de um professor, em 56 dos casos (50,00%) informaram-se numa atividade de sensibilização/palestra, em 30 dos casos (26,79%) foram informados pela Escola Segura e em 6 dos casos (5,36%) encontraram informação através de outros meios.

Violência Escolar

Página 178


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Na tua escola alguém já te informou sobre o Bullying e/ou o Ciberbullying?

Na tua escola alguém já te informou sobre o Bullying e/ou o Ciberbullying?

Não

Não

Sim, sobre o Ciberbullying

Sim, sobre o Ciberbullying

Sim, sobre ambos

Sim, sobre ambos

Sim, sobre o Bullying

Sim, sobre o Bullying

0

10

20

30

40

50

60

70

0,00%

Quem te informou sobre o Bullying e/ou o Ciberbullying na tua escola?

20,00% 40,00% 60,00% 80,00% 100,00%

Quem te informou sobre o Bullying e/ou o Ciberbullying na tua escola?

Outro

Outro

Associação de Pais

Associação de Pais

Escola Segura

Escola Segura

Atividade de sensibilização / Palestra

Atividade de sensibilização / Palestra

Professor / a

Professor / a

0

Total N.º %

10

20

30

40

50

Sim, sobre o Bullying 1 1,33

0,00% 10,00%20,00%30,00%40,00%50,00%

60

Sim, sobre ambos 68 90,67

Sim, sobre o Cyberbullying 5 6,67

Não 1 1,33

Total

Professor/a

Atividade de sensibilização / Palestra

Escola Segura

Associação de Pais

Outro

N.º %

20 17,86

56 50,00

30 26,79

0 0,00

6 5,36

No Ensino Básico, dos 26 alunos que já foram violentos com alguém na Escola, todos os alunos (100,00%) ouviram falar de Bullying e Cyberbullying enquanto frequentavam a escola. Afirmaram ter tomado conhecimento destas realidade do Bullying e/ou do Cyberbullying, em 11 dos casos (22,92%) através de uma professora ou de um professor, em 19 dos casos (39,58%) informaram-se numa atividade de sensibilização/palestra e em 18 dos casos (37,50%) foram informados pela Escola Segura. Na tua escola alguém já te informou sobre o Bullying e/ou o Ciberbullying?

Na tua escola alguém já te informou sobre o Bullying e/ou o Ciberbullying?

100,00%

30 20

50,00%

10

0,00%

0 Sim, sobre o Bullying

Sim, sobre ambos

Violência Escolar

Sim, sobre o Ciberbullying

Não

Sim, sobre o Bullying

Sim, sobre ambos

Sim, sobre o Ciberbullying

Não

Página 179


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Quem te informou sobre o Bullying e/ou o Ciberbullying na tua escola?

Quem te informou sobre o Bullying e/ou o Ciberbullying na tua escola?

20

40,00%

15

30,00%

10

20,00%

5

10,00%

0,00%

0

Professor / a

Atividade de sensibilização / Palestra

Básico N.º %

Escola Segura

Associação de Pais

Professor / a

Outro

Sim, sobre o Bullying 0 0,00

Sim, sobre ambos 26 100,00

Atividade de sensibilização / Palestra

Escola Segura

Associação de Pais

Sim, sobre o Cyberbullying 0 0,00

Outro

Não 0 0,00

Básico

Professor/a

Atividade de sensibilização / Palestra

Escola Segura

Associação de Pais

Outro

N.º %

11 22,92

19 39,58

18 37,50

0 0,00

0 0,00

No Ensino Secundário, dos 49 alunos que já foram violentos com alguém na Escola, 1 aluno (2,04%) disse que na escola tinha ouvido falar unicamente de Bullying. Por outro lado, 42 alunos (85,71%) ouviram falar de Bullying e Cyberbullying enquanto frequentavam a escola, 5 alunos (10,20%) só ouviram falar de Cyberbullying na escola e 1 aluno (2,04%) não ouviu falar de nenhuma destas realidades. Afirmaram ter tomado conhecimento destas realidades do Bullying e/ou do Cyberbullying, em 9 casos (14,06%) através de uma professora ou de um professor, em 37 (57,81%) informaram-se numa atividade de sensibilização/palestra, em 12 (18,75%) foram informados pela Escola Segura e em 6 (9,38%) encontraram informação através de outros meios. Na tua escola alguém já te informou sobre o Bullying e/ou o Ciberbullying?

Na tua escola alguém já te informou sobre o Bullying e/ou o Ciberbullying?

50

100,00%

40

80,00%

30

60,00%

20

40,00%

10

20,00% 0,00%

0 Sim, sobre o Bullying

Sim, sobre ambos

Sim, sobre o Ciberbullying

Não

Sim, sobre o Bullying

Quem te informou sobre o Bullying e/ou o Ciberbullying na tua escola?

Sim, sobre ambos

Sim, sobre o Ciberbullying

Não

Quem te informou sobre o Bullying e/ou o Ciberbullying na tua escola? 60,00%

40 35 30 25 20 15 10 5 0

50,00% 40,00%

30,00% 20,00%

10,00% 0,00% Professor / a

Atividade de Escola Segura sensibilização / Palestra

Violência Escolar

Associação de Pais

Outro

Professor / a

Atividade de Escola Segura Associação de sensibilização / Pais Palestra

Outro

Página 180


Escola Secundária de Barcelinhos

Sim, sobre o Bullying 1 2,04

Secundário N.º %

Ano Letivo 2017/2018

Sim, sobre ambos 42 85,71

Sim, sobre o Cyberbullying 5 10,20

Não 1 2,04

Secundário

Professor/a

Atividade de sensibilização / Palestra

Escola Segura

Associação de Pais

Outro

N.º %

9 14,06

37 57,81

12 18,75

0 0,00

6 9,38

7.7.- Em casa os teus pais já te falaram sobre Bullying e/ou Cyberbullying? Dos 75 alunos que já foram violentos com alguém na Escola, 26 (34,67%) falaram em casa unicamente sobre Bullying, 33 (44,00%) falaram em casa sobre Bullying e Cyberbullying e 16 (21,33%) nunca falaram destas realidades em casa. Em casa os teus pais já te falaram sobre o Bullying e/ou o Ciberbullying?

Em casa os teus pais já te falaram sobre o Bullying e/ou o Ciberbullying?

Não

Não

Sim, sobre o Ciberbullying

Sim, sobre o Ciberbullying

Sim, sobre ambos

Sim, sobre ambos

Sim, sobre o Bullying

Sim, sobre o Bullying

0

5

10

15

20

Total

Sim, sobre Bullying

N.º %

26 34,67

25

30

35

0,00%

Sim, sobre ambos 33 44,00

10,00% 20,00% 30,00% 40,00% 50,00%

Sim, sobre Cyberbullying

Não

0 0,00

16 21,33

No Ensino Básico, dos 26 alunos que já foram violentos com alguém na Escola, 8 alunos (30,77%) falaram em casa unicamente sobre Bullying, 14 alunos (53,85%) falaram em casa sobre Bullying e Cyberbullying e 4 alunos (15,38%) nunca falaram destas realidades em casa. Em casa os teus pais já te falaram sobre o Bullying e/ou o Ciberbullying?

Em casa os teus pais já te falaram sobre o Bullying e/ou o Ciberbullying?

60,00%

15

10

40,00%

5

20,00% 0,00%

0 Sim, sobre o Bullying

Sim, sobre ambos

Sim, sobre o Ciberbullying

Básico Sim, sobre Bullying N.º %

8 30,77

Violência Escolar

Sim, sobre o Bullying

Não

Sim, sobre ambos 14 53,85

Sim, sobre ambos

Sim, sobre o Ciberbullying

Não

Sim, sobre Cyberbullying

Não

0 0,00

4 15,38

Página 181


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

No Ensino Secundário, dos 49 alunos que já foram violentos com alguém na Escola, 18 alunos (36,73%) falaram em casa unicamente sobre Bullying, 19 alunos (38,78%) falaram em casa sobre Bullying e Cyberbullying e 12 alunos (24,49%) nunca falaram destas realidades em casa. Em casa os teus pais já te falaram sobre o Bullying e/ou o Ciberbullying?

Em casa os teus pais já te falaram sobre o Bullying e/ou o Ciberbullying? 40,00% 35,00% 30,00% 25,00% 20,00% 15,00% 10,00% 5,00% 0,00%

20 15 10 5

0 Sim, sobre o Bullying

Sim, sobre ambos

Sim, sobre o Ciberbullying

Não

Sim, sobre o Bullying

Secundário

Sim, sobre Bullying

Sim, sobre ambos

N.º %

18 36,73

19 38,78

Sim, sobre ambos

Sim, sobre o Ciberbullying

Não

Sim, sobre Cyberbullying 0 0,00

Não 12 24,49

7.8.- Os professores e / ou os adultos da escola separam os alunos quando há situações de Bullying? Dos 75 alunos que já foram violentos com alguém na Escola, 19 alunos (26,03%) afirmaram que essa situação acontece sempre, 20 (27,40%) referiram que a situação acontece frequentemente, 21 (28,77%) confirmaram que isso acontece por vezes, 7 (9,59%) declararam que quase nunca acontece e para 6 (8,22%) essa separação nunca surge. 2 alunos não indicaram este dado. Os professores e / ou os adultos da escola separam os alunos quando há situações de Bullying?

Os professores e / ou os adultos da escola separam os alunos quando há situações de Bullying?

Nunca

Nunca

Quase nunca

Quase nunca

Por vezes

Por vezes

Frequentemente

Frequentemente

Sempre

Sempre

0

Total N.º %

5

10

Sempre 19 26,03

15

20

25

Frequentemente 20 27,40

0,00%

5,00%

Por vezes 21 28,77

10,00%

15,00%

20,00%

Quase nunca 7 9,59

25,00%

30,00%

Nunca 6 8,22

No Ensino Básico, dos 26 alunos que já foram violentos com alguém na Escola, 6 alunos (23,08%) afirmaram que essa situação acontece sempre, 7 (26,92%) referiram que a situação acontece frequentemente, 8 (30,77%) confirmaram que isso acontece por vezes, 3 (11,54%) declararam que quase nunca acontece e para 2 (7,69%) essa separação nunca surge.

Violência Escolar

Página 182


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Os professores e / ou os adultos da escola separam os alunos quando há situações de Bullying?

Os professores e / ou os adultos da escola separam os alunos quando há situações de Bullying? 40,00% 30,00% 20,00% 10,00% 0,00%

8 6 4 2 0

Básico N.º %

Sempre 6 23,08

Frequentemente 7 26,92

Por vezes 8 30,77

Quase nunca 3 11,54

Nunca 2 7,69

No Ensino Secundário, dos 49 alunos que já foram violentos com alguém na Escola, 13 alunos (27,66%) afirmaram que essa situação acontece sempre, 13 (27,66%) referiram que a situação acontece frequentemente, 13 (27,66%) confirmaram que isso acontece por vezes, 4 (8,51%) declararam que quase nunca acontece e para 4 (8,51%) essa separação nunca surge. 2 alunos não indicaram este dado. Os professores e / ou os adultos da escola separam os alunos quando há situações de Bullying?

Os professores e / ou os adultos da escola separam os alunos quando há situações de Bullying? 30,00% 25,00% 20,00% 15,00% 10,00% 5,00% 0,00%

14 12 10 8 6 4 2 0

Sempr e 13 27,66

Secundário N.º %

Frequentemente

Por vezes

Quase nunca

Nunca

13 27,66

13 27,66

4 8,51

4 8,51

7.9.- Os alunos ajudam outros alunos vítimas de Bullying? Dos 75 alunos que já foram violentos com alguém na Escola, 13 alunos (17,33%) afirmaram que essa situação acontece sempre, 25 (33,33%) referiram que a situação acontece frequentemente, 30 (40,00%) confirmaram que isso acontece por vezes, 6 (8,00%) declararam que quase nunca acontece e 1 (1,33%) disse que nunca acontece. Os alunos ajudam outros alunos vítimas de Bullying?

Os alunos ajudam outros alunos vítimas de Bullying?

Nunca

Nunca

Quase nunca

Quase nunca

Por vezes

Por vezes

Frequentemente

Frequentemente

Sempre

Sempre 0

5

10

Violência Escolar

15

20

25

30

0,00%

5,00% 10,00% 15,00% 20,00% 25,00% 30,00% 35,00% 40,00%

Página 183


Escola Secundária de Barcelinhos

Total N.º %

Sempre 13 17,33

Frequentemente 25 33,33

Ano Letivo 2017/2018

Por vezes 30 40,00

Quase nunca 6 8,00

Nunca 1 1,33

No Ensino Básico, dos 26 alunos que já foram violentos com alguém na Escola, 3 alunos (11,54%) afirmaram que essa situação acontece sempre, 6 (23,08%) referiram que a situação acontece frequentemente, 13 (50,00%) confirmaram que isso acontece por vezes e 4 (15,38%) declararam que quase nunca acontece. Os alunos ajudam outros alunos vítimas de Bullying?

Os alunos ajudam outros alunos vítimas de Bullying?

50,00% 40,00% 30,00% 20,00% 10,00% 0,00%

15 10

5 0

Básico N.º %

Sempre 3 11,54

Frequentemente 6 23,08

Por vezes 13 50,00

Quase nunca 4 15,38

Nunca 0 0,00

No Ensino Secundário, dos 49 alunos que já foram violentos com alguém na Escola, 10 alunos (20,41%) afirmaram que essa situação acontece sempre, 19 (38,78%) referiram que a situação acontece frequentemente, 17 (34,79%) confirmaram que isso acontece por vezes, 2 (4,08%) declararam que quase nunca acontece e 1 (2,04%) disse que nunca acontece. Os alunos ajudam outros alunos vítimas de Bullying? 40,00% 35,00% 30,00% 25,00% 20,00% 15,00% 10,00% 5,00% 0,00%

20 15

10 5

0

Secundário N.º %

Os alunos ajudam outros alunos vítimas de Bullying?

Sempre 10 20,41

Frequentemente 19 38,78

Por vezes 17 34,69

Quase nunca 2 4,08

Nunca 1 2,04

7.10.- O que sentes quando vês uma/um colega a ser vítima de Bullying? Dos 75 alunos que já foram violentos com alguém na Escola, em 4 situações (5,19%) sentem que essa pessoa talvez tenha feito alguma coisa para merecer, em 2 (2,60%) não sentem nada, em 7 (9,09%) sentem um pouco de pena, em 17 (22,08%) sentem muita pena e querem ajudar, em 7 (9,09%) sentem-se revoltadas/os, mas não ajudam e em 40 (51,95%) sentem-se revoltadas/os e ajudam a vítima a defender-se.

Violência Escolar

Página 184


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

O que sentes quando vês uma / um colega a ser vítima de Bullying?

O que sentes quando vês uma / um colega a ser vítima de Bullying?

Sinto-me revoltada / o e ajudo a vítima a …

Sinto-me revoltada / o e ajudo a vítima a …

Sinto-me revoltada / o, mas não ajudo

Sinto-me revoltada / o, mas não ajudo

Sinto muita pena e quero ajudar

Sinto muita pena e quero ajudar

Sinto um pouco de pena

Sinto um pouco de pena

Não sinto nada

Não sinto nada

Sinto que essa pessoa talvez tenha feito alguma …

Sinto que essa pessoa talvez tenha feito alguma …

0

5

10

15

20

25

30

35

40

0,00% 10,00% 20,00%30,00%40,00%50,00%60,00%

Total

Sinto que essa pessoa talvez tenha feito alguma coisa para merecer

Não sinto nada

Sinto um pouco de pena

Sinto muita pena e quero ajudar

Sinto-me revoltada/o, mas não ajudo

Sinto-me revoltada/o e ajudo a vítima a defender-se

N.º %

4 5,19

2 2,60

7 9,09

17 22,08

7 9,09

40 51,95

No Ensino Básico, dos 26 alunos que já foram violentos com alguém na Escola, em 2 situações (7,14%) sentem que essa pessoa talvez tenha feito alguma coisa para merecer, em 1 (3,57%) não sente nada, em 2 (7,14%) sentem um pouco de pena, em 10 (35,71%) sentem muita pena e querem ajudar, em 4 (14,29%) sentem-se revoltadas/os, mas não ajudam e em 9 (32,14%) sentem-se revoltadas/os e ajudam a vítima a defender-se. O que sentes quando vês uma / um colega a ser vítima de Bullying?

O que sentes quando vês uma / um colega a ser vítima de Bullying?

Sinto-me revoltada / o e ajudo a vítima a defender-se

Sinto-me revoltada / o, mas não ajudo

Sinto muita pena e quero ajudar

Sinto um pouco de pena

Sinto-me revoltada / o e ajudo a vítima a defender-se

Sinto-me revoltada / o, mas não ajudo

Sinto muita pena e quero ajudar

Sinto um pouco de pena

Não sinto nada

Sinto que essa pessoa talvez tenha feito alguma coisa para…

0

Não sinto nada

5

Sinto que essa pessoa talvez tenha feito alguma coisa para …

40,00% 30,00% 20,00% 10,00% 0,00%

10

Básico

Sinto que essa pessoa talvez tenha feito alguma coisa para merecer.

Não sinto nada.

Sinto um pouco de pena

Sinto muita pena e quero ajudar

Sinto-me revoltada/o, mas não ajudo

Sinto-me revoltada/o e ajudo a vítima a defender-se

N.º %

2 7,14

1 3,57

2 7,14

10 35,71

4 14,29

9 32,14

No Ensino Secundário, dos 49 alunos que já foram violentos com alguém na Escola, 2 alunos (4,08%) sentem que essa pessoa talvez tenha feito alguma coisa para merecer, 1 (2,04%) não sente nada, 5 (10,20%) sentem um pouco de pena, 7 (14,29%) sentem muita pena e querem ajudar, 3 (6,12%) sentem-se revoltadas/os, mas não ajudam e 31 (63,27%) sentem-se revoltadas/os e ajudam a vítima a defender-se.

Violência Escolar

Página 185


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

O que sentes quando vês uma / um colega a ser vítima de Bullying?

O que sentes quando vês uma / um colega a ser vítima de Bullying?

Sinto-me revoltada / o e ajudo a vítima a defender-se

Sinto-me revoltada / o, mas não ajudo

Sinto muita pena e quero ajudar

Não sinto nada

Sinto que essa pessoa talvez tenha feito alguma coisa para…

Sinto-me revoltada / o e ajudo a vítima a defender-se

Sinto-me revoltada / o, mas não ajudo

Sinto muita pena e quero ajudar

Sinto um pouco de pena

Não sinto nada

Sinto que essa pessoa talvez tenha feito alguma coisa para …

Sinto um pouco de pena

70,00% 60,00% 50,00% 40,00% 30,00% 20,00% 10,00% 0,00%

35 30 25 20 15 10 5 0

Secundário

Sinto que essa pessoa talvez tenha feito alguma coisa para merecer.

Não sinto nada.

Sinto um pouco de pena

Sinto muita pena e quero ajudar

Sinto-me revoltada/o, mas não ajudo

Sinto-me revoltada/o e ajudo a vítima a defender-se

N.º %

2 4,08

1 2,04

5 10,20

7 14,29

3 6,12

31 63,27

7.11.- Já alguma vez foste violento com alguém fora da Escola? Dos 75 alunos que já foram violentos com alguém na Escola, 43 alunos (58,90%) já foram violentos com alguém fora da Escola e 30 (41,10%) nunca o foram. 2 alunos não indicaram este dado. Já alguma vez foste violento com alguém fora da Escola?

Já alguma vez foste violento com alguém fora da Escola?

Não

Não

Sim

Sim

0

10

20

30

40

Total N.º %

50

0,00%

10,00%

20,00%

Sim 43 58,90

30,00%

40,00%

50,00%

60,00%

Não 30 41,10

No Ensino Básico, dos 26 alunos que já foram violentos com alguém na Escola, 16 alunos (61,54%) já foram violentos com alguém fora da Escola e 10 (38,46%) nunca o foram. Já alguma vez foste violento com alguém fora da Escola?

Já alguma vez foste violento com alguém fora da Escola?

20

100,00%

10

50,00% 0,00%

0 Sim

Violência Escolar

Não

Sim

Não

Página 186


Escola Secundária de Barcelinhos

Básico N.º %

Ano Letivo 2017/2018

Sim 16 61,54

Não 10 38,46

No Ensino Secundário, dos 49 alunos que já foram violentos com alguém na Escola, 27 alunos (57,45%) já foram violentos com alguém fora da Escola e 20 (42,55%) nunca o foram. 2 alunos não indicaram este dado. Já alguma vez foste violento com alguém fora da Escola?

Já alguma vez foste violento com alguém fora da Escola?

30

60,00%

25

50,00%

20

40,00%

15

30,00%

10

20,00%

5

10,00% 0,00%

0 Sim

Sim

Não

Secundário N.º %

Não

Sim 27 57,45

Não 20 42,55

7.12.- Quantas vezes aconteceu essa situação de violência? Dos 43 alunos que já foram violentos com alguém na Escola e fora da Escola, 22 (52,38%) foram violentos 1 ou 2 vezes, 4 (9,52%) foram violentos 2 ou 3 vezes, 2 (4,76) foram violentos 3 ou 4 vezes e 14 (33,33%) foram violentos muitas vezes. 1 aluno não indicou este dado. Quantas vezes aconteceu essa situação de violência?

Quantas vezes aconteceu essa situação de violência?

Muitas vezes

Muitas vezes

Três ou quatro vezes

Três ou quatro vezes

Duas ou três vezes

Duas ou três vezes

Uma ou duas vezes

Uma ou duas vezes 0

Total N.º %

5

10

15

1 ou 2vezes 22 52,38

20

25

2 ou 3 vezes 4 9,52

0,00%

10,00%

20,00%

3 ou 4 vezes 2 4,76

30,00%

40,00%

50,00%

60,00%

Muitas vezes 14 33,33

No Ensino Básico, dos 16 alunos que já foram violentos com alguém na Escola e fora da Escola, 9 alunos (60,00%) foram violentos 1 ou 2 vezes, 2 (13,33%) foram violentos 2 ou 3 vezes e 4 (26,67%) foram violentos muitas vezes. 1 aluno não referiu este dado.

Violência Escolar

Página 187


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Quantas vezes aconteceu essa situação de violência?

Quantas vezes aconteceu essa situação de violência?

10

60,00%

5

20,00%

40,00%

0,00%

0 Uma ou duas vezes

Duas ou três vezes

Básico N.º %

Três ou quatro vezes

Uma ou duas vezes

Muitas vezes

1 ou 2vezes 9 60,00

2 ou 3 vezes 2 13,33

Duas ou três vezes

Três ou quatro vezes

3 ou 4 vezes 0 0,00

Muitas vezes

Muitas vezes 4 26,67

No Ensino Secundário, dos 27 alunos que já foram violentos com alguém na Escola e fora da Escola, 13 (48,15%) foram violentos 1 ou 2 vezes, 2 (7,41%) foram violentos 2 ou 3 vezes, 2 (7,41%) foram violentos 3 ou 4 vezes e 10 (37,04%) foram violentos muitas vezes. Quantas vezes aconteceu essa situação de violência?

Quantas vezes aconteceu essa situação de violência? 50,00%

14

12

40,00%

10 8

30,00%

6

20,00%

4

10,00%

2

0,00%

0 Uma ou duas vezes Duas ou três vezes

Secundário N.º %

Três ou quatro vezes

Uma ou duas vezes Duas ou três vezes

Muitas vezes

1 ou 2vezes 13 48,15

2 ou 3 vezes 2 7,41

Três ou quatro vezes

3 ou 4 vezes 2 7,41

Muitas vezes

Muitas vezes 10 37,04

7.13.- De que forma foste violento com essa pessoa? Dos 43 alunos que já foram violentos com alguém na Escola e fora da Escola, em 21 casos (29,58%) chamaram nomes, em 12 (16,90%) assustaram e meteram medo ao colega, em 2 (2,82%) tirou-lhe coisas, em 21 (29,58%) bateram-lhe, em 9 (12,68%) ignoraram-no e não lhe falaram e em 6 (8,45%) foram violentos de outra forma. De que forma foste violento com essa pessoa?

De que forma foste violento com essa pessoa?

Outra forma

Outra forma

Ignorei-o e não lhe falei

Ignorei-o e não lhe falei

Bati-lhe

Bati-lhe

Tirei-lhe coisas dele

Tirei-lhe coisas dele

Assustei-o e meti-lhe medo

Assustei-o e meti-lhe medo

Chamei-lhe nomes

Chamei-lhe nomes 0

5

Violência Escolar

10

15

20

25

0,00%

5,00%

10,00%

15,00%

20,00%

25,00%

30,00%

Página 188


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Total

Chamei-lhe nomes

Assustei-o e meti-lhe medo

Tirei-lhe coisas dele

Bati-lhe

Ignorei-o e não lhe falei

Outra forma

N.º %

21 29,58

12 16,90

2 2,82

21 29,58

9 12,68

6 8,45

No Ensino Básico, dos 16 alunos que já foram violentos com alguém na Escola e fora da Escola, em 8 casos (33,33%) chamaram nomes, em 3 (12,50%) assustaram-no e meteram-lhe medo, em 1 (4,17%) tirou-lhe coisas, em 7 (29,17%) bateram-lhe, em 3 (12,50%) ignoraram-no e não falaram com o colega e em 2 (8,33%) foram violentos de outra forma. De que forma foste violento com essa pessoa?

De que forma foste violento com essa pessoa?

40,00%

8

30,00%

6

20,00%

4

10,00%

2

0,00%

0 Chamei-lhe nomes

Assustei-o e meti-lhe medo

Tirei-lhe coisas dele

Bati-lhe

Ignorei-o e não lhe falei

Chamei-lhe nomes

Outra forma

Assustei-o e meti-lhe medo

Tirei-lhe coisas dele

Bati-lhe

Ignorei-o e não lhe falei

Outra forma

Básico

Chamei-lhe nomes

Assustei-o e meti-lhe medo

Tirei-lhe coisas dele

Bati-lhe

Ignorei-o e não lhe falei

Outra forma

N.º %

8 33,33

3 12,50

1 4,17

7 29,17

3 12,50

2 8,33

No Ensino Secundário, dos 27 alunos que já foram violentos com alguém na Escola e fora da Escola, em 13 casos (27,66%) chamaram nomes, em 9 (19,15%) assustaram e meteram medo ao colega, em 1 (2,13%) tirou-lhe coisas, em 14 (29,79%) bateram-lhe, em 6 (12,77%) ignoraram-no e não lhe falaram e em 4 (8,51%) foram violentos de outra forma. De que forma foste violento com essa pessoa?

De que forma foste violento com essa pessoa? 30,00%

14

12

25,00%

10

20,00%

8

15,00%

6

10,00%

4 2

5,00%

0

0,00%

Chamei-lhe nomes

Assustei-o e meti-lhe medo

Tirei-lhe coisas dele

Bati-lhe

Ignorei-o e não lhe falei

Chamei-lhe Assustei-o e Tirei-lhe nomes meti-lhe coisas dele medo

Outra forma

Bati-lhe

Ignorei-o e Outra forma não lhe falei

Secundário

Chamei-lhe nomes

Assustei-o e meti-lhe medo

Tirei-lhe coisas dele

Bati-lhe

Ignorei-o e não lhe falei

Outra forma

N.º %

13 27,66

9 19,15

1 2,13

14 29,79

6 12,77

4 8,51

Violência Escolar

Página 189


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

7.14.- O que sentiste quando foste violento com essa pessoa? Dos 43 alunos que já foram violentos com alguém na Escola e fora da Escola, 13 alunos (30,23%) sentiram-se bem, 9 (20,93%) não sentiram nada, 6 (13,95%) sentiramse mal e 15 (34,88%) sentiram-se arrependidos. O que sentiste quando foste violento com essa pessoa?

O que sentiste quando foste violento com essa pessoa?

Senti-me arrependido

Senti-me arrependido

Senti-me mal

Senti-me mal

Não senti nada

Não senti nada

Senti-me bem

Senti-me bem 0

2

4

6

8

Total

Senti-me bem

N.º %

13 30,23

10

12

14

16

Não senti nada 9 20,93

0,00%

5,00%

10,00% 15,00% 20,00% 25,00% 30,00% 35,00%

Senti-me mal 6 13,95

Senti-me arrependido 15 34,88

No Ensino Básico, dos 16 alunos que já foram violentos com alguém na Escola e fora da Escola, 5 alunos (33,33%) sentiram-se bem, 2 (13,33%) não sentiram nada, 2 (13,33%) sentiram-se mal e 6 (40,00%) sentiram-se arrependidos. 1 aluno não indicou este dado. O que sentiste quando foste violento com essa pessoa?

O que sentiste quando foste violento com essa pessoa?

40,00% 30,00% 20,00% 10,00% 0,00%

6 4

2 0 Senti-me bem

Básico N.º %

Não senti nada

Senti-me mal

Senti-me bem 5 33,33

Senti-me arrependido

Não senti nada 2 13,33

Senti-me bem

Não senti nada

Senti-me mal 2 13,33

Senti-me mal

Senti-me arrependido

Senti-me arrependido 6 40,00

No Ensino Secundário, dos 27 alunos que já foram violentos com alguém na Escola e fora da Escola, em 5 situações (33,33%) sentiram-se bem, em 2 (13,33%) não sentiram nada, em 2 (13,33%) sentiram-se mal e em 6 (40,00%) sentiram-se arrependidos.

Violência Escolar

Página 190


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

O que sentiste quando foste violento com essa pessoa?

O que sentiste quando foste violento com essa pessoa? 35,00%

10

30,00%

8

25,00%

6

20,00% 15,00%

4

10,00%

2

5,00% 0,00%

0 Senti-me bem

Não senti nada

Senti-me mal

Não senti nada 7 25,00

Secundário Senti-me bem N.º %

Senti-me bem

Senti-me arrependido

8 28,57

Não senti nada

Senti-me mal

Senti-me mal 4 14,29

Senti-me arrependido

Senti-me arrependido 9 32,14

7.15.- Contaste a alguém sobre teres sido violento? Dos 43 alunos que já foram violentos com alguém na Escola e fora da Escola, 25 alunos (59,52%) contaram o sucedido e 17 (40,48%) não contaram a ninguém. 1 aluno não indicou este dado. Contaste a alguém sobre teres sido violento?

Contaste a alguém sobre teres sido violento?

Não

Não

Sim

Sim

0

5

10

15

20

Total N.º %

25

0,00%

10,00%

20,00%

Sim 25 59,52

30,00%

40,00%

50,00%

60,00%

Não 17 40,48

No Ensino Básico, dos 16 alunos que já foram violentos com alguém na Escola e fora da Escola, 9 alunos (60,00%) contou o sucedido e 6 (40,00%) não contaram a ninguém. 1 aluno não indicou este dado. Contaste a alguém sobre teres sido violento?

Contaste a alguém sobre teres sido violento?

60,00%

10

40,00% 5

20,00% 0,00%

0 Sim

Básico N.º % Violência Escolar

Sim

Não

Sim 9 60,00

Não

Não 6 40,00 Página 191


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

No Ensino Secundário, dos 27 alunos que já foram violentos com alguém na Escola e fora da Escola 16 alunos (59,26%) contaram o sucedido e 11 (40,74%) não contaram a ninguém. Contaste a alguém sobre teres sido violento?

Contaste a alguém sobre teres sido violento?

16

60,00%

14

50,00%

12

40,00%

10 8

30,00%

6

20,00%

4

10,00%

2

0,00%

0

Sim

Sim

Não

Secundário N.º %

Não

Sim 16 59,26

Não 11 40,74

7.16.- A quem contaste? Dos 25 alunos que já foram violentos com alguém na Escola e fora da Escola, e contaram a alguém, em 8 casos (23,53%) contaram a uma professora ou professor, em 4 (11,76%) contaram a uma irmã e/ou irmão, em 18 (52,94%) contaram a uma amiga e/ou amigo, em 2 (5,88%) a um familiar adulto e em 2 (5,88%) contaram a outra pessoa. A quem contaste?

A quem contaste?

Outra pessoa

Outra pessoa

Familiar adulto

Familiar adulto

Amiga e / ou Amigo

Amiga e / ou Amigo

Irmã e / ou Irmão

Irmã e / ou Irmão

Mãe e / ou Pai

Mãe e / ou Pai 0

2

4

6

8

10

12

14

16

Total

Mãe e/ou Pai

Irmã e/ou Irmão

N.º %

8

4

23,53

11,76

18

0,00%

10,00%

20,00%

30,00%

40,00%

50,00%

60,00%

Amiga e/ou Amigo

Familiar adulto

Outra pessoa

18 52,94

2 5,88

2 5,88

No Ensino Básico, dos 9 alunos que já foram violentos com alguém na Escola e fora da Escola, e contaram a alguém, em 8 casos (23,53%) contaram à Mãe e/ou ao Pai, em 4 (11,76%) contaram à irmã e/ou ao irmão, em 18 (52,94%) contaram a uma amiga e/ou amigo, em 2 (5,88%) contaram a um familiar adulto e em 2 (5,88%) a outra pessoa.

Violência Escolar

Página 192


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

A quem contaste?

A quem contaste?

50,00%

5 4

40,00%

3

30,00%

2

20,00%

1

10,00% 0,00%

0 Mãe e / ou Pai

Irmã e / ou Irmão

Amiga e / ou Amigo

Familiar adulto

Mãe e / ou Pai

Outra pessoa

Irmã e / ou Irmão

Amiga e / ou Amigo

Familiar adulto

Outra pessoa

Básico

Mãe e/ou Pai

Irmã e/ou Irmão

Amiga e/ou Amigo

Familiar adulto

Outra pessoa

N.º %

3 30,00

2 20,00

5 50,00

0 0,00

0 0,00

No Ensino Secundário, dos 16 alunos que já foram violentos com alguém na Escola e fora da Escola, e contaram a alguém, em 5 casos (20,83%) contou à Mãe e/ou ao Pai, em 2 (8,33%) contou a uma irmã e/ou ao irmão, em 13 (54,17%) a uma amiga e/ou amigo, em 2 (8,33%) a um familiar adulto e em 2 (8,33%) contaram a outra pessoa. A quem contaste?

A quem contaste?

14

60,00%

12

50,00%

10

40,00%

8

30,00%

6

20,00%

4

10,00%

2 0

0,00% Mãe e / ou Pai

Irmã e / ou Irmão

Amiga e / ou Amigo

Familiar adulto

Outra pessoa

Mãe e / ou Pai

Irmã e / ou Irmão

Amiga e / ou Amigo

Familiar adulto

Outra pessoa

Secundário

Mãe e/ou Pai

Irmã e/ou Irmão

Amiga e/ou Amigo

Familiar adulto

Outra pessoa

N.º %

5 20,83

2 8,33

13 54,17

2 8,33

2 8,33

7.17.- O que te disse essa pessoa a quem contaste? Dos 25 alunos que já foram violentos com alguém na Escola e fora da Escola, e contaram a alguém, em 4 casos (14,29%) foi dito para continuar, porque era normal, em 4 (14,29%) não ligaram ao que disse, em 8 (28,57%) disseram para não voltar a fazer o mesmo e em 12 (42,86%) disseram que tinham feito mal e explicaram o motivo.

Violência Escolar

Página 193


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

O que te disse essa pessoa a quem contaste?

O que te disse essa pessoa a quem contaste?

Disse-me que tinha feito mal e explicou porquê

Disse-me que tinha feito mal e explicou porquê

Disse-me para não voltar a fazer o mesmo

Disse-me para não voltar a fazer o mesmo

Não ligou ao que eu disse

Não ligou ao que eu disse

Disse-me para continuar, porque era normal

Disse-me para continuar, porque era normal 0

Total N.º %

2

4

6

8

Disse-me para continuar, porque era normal 4 14,29

10

0,00%5,00% 10,00% 15,00% 20,00% 25,00% 30,00% 35,00% 40,00% 45,00%

12

Não ligou ao que eu disse 4 14,29

Disse-me para não voltar a fazer o mesmo 8 28,57

Disse-me que tinha feito mal e explicou porquê 12 42,86

No Ensino Básico, dos 9 alunos que já foram violentos com alguém na Escola e fora da Escola, e contaram a alguém, em 2 casos (22,22%) foi dito para continuar, porque era normal, em 1 (11,11%) não ligou ao que foi dito, em 4 (44,44%) foi dito para não voltarem a fazer o mesmo e em 2 (22,22%) disseram que tinham feito mal e explicaram o motivo. O que te disse essa pessoa a quem contaste?

O que te disse essa pessoa a quem contaste?

60,00%

4 3

40,00%

2

20,00%

1

0,00%

0 Disse-me para continuar, porque era normal

Básico N.º %

Não ligou ao que eu disse

Disse-me para não voltar a fazer o mesmo

Disse-me para continuar, porque era normal

Disse-me que tinha feito mal e explicou porquê

Disse-me para continuar, porque era normal 2 22,22

Não ligou ao que eu disse 1 11,11

Não ligou ao que eu disse

Disse-me para não voltar a fazer o mesmo 4 44,44

Disse-me para não voltar a fazer o mesmo

Disse-me que tinha feito mal e explicou porquê

Disse-me que tinha feito mal e explicou porquê 2 22,22

No Ensino Secundário, dos 16 alunos que já foram violentos com alguém na Escola e fora da Escola, e contaram a alguém, em 2 situações (10,53%) foi dito para continuar, porque era normal, em 3 (15,79%) não ligaram ao que disseram, em 4 (21,05%) disseram para não voltarem a fazer o mesmo e em 10 (52,63%) disseram que tinham feito mal e explicaram o motivo.

Violência Escolar

Página 194


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

O que te disse essa pessoa a quem contaste?

O que te disse essa pessoa a quem contaste? 60,00%

10 9 8 7 6 5 4 3 2 1 0

50,00% 40,00% 30,00%

20,00% 10,00% 0,00% Disse-me para continuar, porque era normal

Não ligou ao que eu Disse-me para não disse voltar a fazer o mesmo

Disse-me para continuar, porque era normal 2 10,53

Secundário N.º %

Disse-me para Não ligou ao que eu Disse-me para não Disse-me que tinha continuar, porque disse voltar a fazer o feito mal e explicou era normal mesmo porquê

Disse-me que tinha feito mal e explicou porquê

Disse-me para não voltar a fazer o mesmo 4 21,05

Não ligou ao que eu disse 3 15,79

Disse-me que tinha feito mal e explicou porquê 10 52,63

7.18.- Quando foste violento com outra pessoa fora da Escola, isso aconteceu por te juntares a outros colegas? Dos 43 alunos que já foram violentos com alguém na Escola e fora da Escola, 7 alunos (17,50%) foram violentos por se juntarem a outros colegas e 33 (82,50%) foram-no sem se juntarem a ninguém. 3 alunos não indicaram este dado. Quando foste violento com outra pessoa fora da Escola, isso aconteceu por te juntares a outros colegas?

Quando foste violento com outra pessoa fora da Escola, isso aconteceu por te juntares a outros colegas?

Não

Não

Sim

Sim

0

5

10

15

20

25

Total N.º %

30

35

0,00%

20,00%

Sim 7 17,50

40,00%

60,00%

80,00%

100,00%

Não 33 82,50

No Ensino Básico, dos 16 alunos que já foram violentos com alguém na Escola e fora da Escola, 4 alunos (26,67%) foi violento por se juntar a outros colegas e 11 (73,33%) foram-no sem se juntarem a ninguém. 1 aluno não indicou este dado. Quando foste violento com outra pessoa fora da Escola, isso aconteceu por te juntares a outros colegas?

Quando foste violento com outra pessoa fora da Escola, isso aconteceu por te juntares a outros colegas?

100,00%

15

10

50,00%

5

0,00%

0 Sim

Violência Escolar

Não

Sim

Não

Página 195


Escola Secundária de Barcelinhos

Básico N.º %

Ano Letivo 2017/2018

Sim 4 26,67

Não 11 73,33

No Ensino Secundário, dos 27 alunos que já foram violentos com alguém na Escola e fora da Escola, 3 alunos (12,00%) foram violentos por se juntarem a outros colegas e 22 (88,00%) foram-no sem se juntarem a ninguém. Quando foste violento com outra pessoa fora da Escola, isso aconteceu por te juntares a outros colegas?

Quando foste violento com outra pessoa fora da Escola, isso aconteceu por te juntares a outros colegas?

100,00%

25

20

80,00%

15

60,00%

10

40,00%

5

20,00% 0,00%

0 Sim

Sim

Não

Secundário N.º %

Não

Sim 3 12,00

Não 22 88,00

7.19.- O que te disseram esses colegas para seres violento? Dos 7 alunos que já foram violentos com alguém na Escola e fora da Escola, e o fizeram por se juntarem a outros colegas, em 4 casos (36,36%) foi dito que era normal, em 1 situação (20,00%) disseram que se não o fizesse lhe batiam e em 3 (60,00%) fizeram-no por vontade própria, sem os colegas dizerem alguma coisa. O que te disseram esses colegas para seres violento?

O que te disseram esses colegas para seres violento?

Não disseram nada. Fui porque me apeteceu

Não disseram nada. Fui porque me apeteceu

Disseram que se não o fizesse me batiam a mim

Disseram que se não o fizesse me batiam a mim

Disseram que já era normal fazerem aquilo

Disseram que já era normal fazerem aquilo

Disseram que era só uma vez

Disseram que era só uma vez

Disseram que tinha de participar para sermos …

Disseram que tinha de participar para sermos…

Disseram que era normal

Disseram que era normal

0

1

2

3

4

5

6

0,00% 10,00% 20,00%30,00%40,00%50,00%60,00%

Total

Disseram que era normal

Disseram que tinha de participar para sermos amigos

Disseram que era só uma vez

Disseram que já era normal fazerem aquilo

Disseram que se não o fizesse me batiam a mim

Não disseram nada. Fui porque me apeteceu

N.º %

4 36,36

0 0,00

0 0,00

0 0,00

1 9,09

6 54,55

No Ensino Básico, dos 4 alunos que já foram violentos com alguém na Escola e fora da Escola, e o fizeram por se juntarem a outros colegas, em 1 caso (20,00%) foi dito

Violência Escolar

Página 196


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

que era normal, em 1 caso (20,00%) foi dito que se não o fizesse lhe batiam e em 3 (60,00%) fizeram-no por vontade própria, sem os colegas dizerem alguma coisa. O que te disseram esses colegas para seres violento?

O que te disseram esses colegas para seres violento?

60,00% 40,00% 20,00% 0,00%

3 2 1 0

Disseram que Disseram que Disseram que Disseram que Disseram que Não disseram era normal tinha de era só uma já era normal se não o nada. Fui participar vez fazerem fizesse me porque me para sermos aquilo batiam a mim apeteceu amigos

Disseram que Disseram que Disseram que Disseram que Disseram que Não disseram era normal tinha de era só uma já era normal se não o nada. Fui participar vez fazerem fizesse me porque me para sermos aquilo batiam a mim apeteceu amigos

Básico

Disseram que era normal

Disseram que tinha de participar para sermos amigos

N.º %

1 20,00

0 0,00

Disseram que era só uma vez

Disseram que já era normal fazerem aquilo

Disseram que se não o fizesse me batiam a mim

Não disseram nada. Fui porque me apeteceu

0 0,00

0 0,00

1 20,00

3 60,00

No Ensino Secundário, dos 3 alunos que já foram violentos com alguém na Escola e fora da Escola, e o fizeram por se juntarem a outros colegas, em 3 situações (50,00%) fizeram por terem dito que era normal e em outras 3 (50,00%) fizeram-no por vontade própria, sem os colegas dizerem alguma coisa. O que te disseram esses colegas para seres violento?

O que te disseram esses colegas para seres violento? 50,00%

3 2,5 2 1,5 1 0,5 0

40,00% 30,00% 20,00% 10,00%

0,00% Disseram queDisseram queDisseram queDisseram queDisseram queNão disseram era normal tinha de era só uma já era normal se não o nada. Fui participar vez fazerem fizesse me porque me para sermos aquilo batiam a mim apeteceu amigos

Disseram que Disseram que Disseram que Disseram que Disseram que Não disseram era normal tinha de era só uma já era normal se não o nada. Fui participar vez fazerem fizesse me porque me para sermos aquilo batiam a mim apeteceu amigos

Secundário

Disseram que era normal

Disseram que tinha de participar para sermos amigos

N.º %

3 50,00

0 0,00

Disseram que era só uma vez

Disseram que já era normal fazerem aquilo

Disseram que se não o fizesse me batiam a mim

Não disseram nada. Fui porque me apeteceu

0 0,00

0 0,00

0 0,00

3 50,00

7.20.- Alunos que foram violentos na Escola e sofreram Bullying. Dos 75 alunos que foram violentos na Escola, 22 (29,33%) também já foram vítimas de Bullying e 53 (70,67%) nunca o foram.

Violência Escolar

Página 197


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Alguma vez foste vítima de Bullying?

Alguma vez foste vítima de Bullying?

Não

Não

Sim

Sim

0

10

20

30

40

Total N.º %

50

60

0,00%

20,00%

Sim 22 29,33

40,00%

60,00%

80,00%

Não 53 70,67

No Ensino Básico, dos 26 alunos que foram violentos na Escola, 6 (23,08%) também foram vítimas de Bullying e 20 (76,92%) nunca o foram. Alguma vez foste vítima de Bullying?

Alguma vez foste vítima de Bullying?

20

80,00%

15

60,00%

10

40,00%

5

20,00% 0,00%

0 Sim

Sim

Não

Básico N.º %

Não

Sim 6 23,08

Não 20 76,92

No Ensino Secundário, dos 49 alunos que foram violentos na Escola, 16 (32,65%) também foram vítimas de Bullying e 33 (67,35%) nunca o foram. Alguma vez foste vítima de Bullying?

Alguma vez foste vítima de Bullying?

35

70,00%

30

60,00%

25

50,00%

20

40,00%

15

30,00%

10

20,00%

5

10,00% 0,00%

0 Sim

Secundário N.º %

Sim

Não

Sim 16 32,65

Não

Não 33 67,35

7.21.- Alunos que foram violentos na Escola e sofreram Cyberbullying. Dos 75 alunos que foram violentos na Escola, 3 (4,00%) também já foram vítimas de Cyberbullying e 72 (96,00%) nunca o foram. 1 aluno não indicou este dado. Violência Escolar

Página 198


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Alguma vez foste vítima de Ciberbullying?

Alguma vez foste vítima de Ciberbullying?

Não

Não

Sim

Sim

0

10

20

30

40

50

60

Total N.º %

70

80

0,00%

20,00%

40,00%

Sim 3 4,00

60,00%

80,00%

100,00%

Não 72 96,00

No Ensino Básico, dos 26 alunos que foram violentos fora da Escola, nenhum (100,00%) foi vítima de Cberbullying. Alguma vez foste vítima de Ciberbullying?

Alguma vez foste vítima de Ciberbullying?

100,00%

30

20

50,00%

10

0,00%

0 Sim

Sim

Não

Básico N.º %

Sim 0 0,00

Não

Não 26 100,00

No Ensino Secundário, dos 49 alunos que foram violentos fora da Escola, 3 (6,12%) também foram vítimas de Cyberbullying e 46 (93,88%) nunca o foram. Alguma vez foste vítima de Ciberbullying?

Alguma vez foste vítima de Ciberbullying?

100,00%

50 40

80,00%

30

60,00%

20

40,00%

10

20,00% 0,00%

0 Sim

Secundário N.º %

Violência Escolar

Sim

Não

Sim 3 6,12

Não

Não 46 93,88

Página 199


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Relação entre Sofrer Bullying e Fatores

Violência Escolar

Página 200


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

8.- Relação entre alunos que sofreram Bullying e Fatores. 8.1.- Fator "idade" no Ensino Básico. Dos 144 alunos do Ensino Básico que responderam a este ponto do inquérito, 6 (13,33%) dos que já sofreram Bullying e 39 (86,67%) que nunca sofreram têm 12 anos, 11 (22,45%) dos que já sofreram Bullying e 38 (77,55%) que nunca sofreram têm 13 anos, 3 (8,82%) dos que já sofreram Bullying e 31 (91,18%) que nunca sofreram têm 14 anos e 16 (100,00%) que nunca sofreram têm 15 anos. Idade

Idade

100,00%

40 30 20 10 0

50,00% 0,00% Sim

Sim

Não

Não 12

12

Idade

Idade

80,00% 60,00% 40,00% 20,00% 0,00%

40 30 20 10 0 Sim

Sim

Não

Não

13

13

Idade

Idade

40 30 20 10 0

40 20 0

Sim

Não

Sim

Não

14

14

Idade

Idade

100,00%

20 15 10 5 0

50,00% 0,00%

Sim

Não 15

Violência Escolar

Sim

Não 15

Página 201


Escola Secundária de Barcelinhos

12

Básico

Sim 6 13,33

N.º %

Ano Letivo 2017/2018

13 Não 39 86,67

Sim 11 22,45

14 Não 38 77,55

Sim 3 8,82

15 Não 31 91,18

Sim 0 0,00

Não 16 100,00

Dos 20 alunos do Ensino Básico que já sofreram Bullying, 6 (30,00%) têm 12 anos, 11 (55,00%) têm 13 anos e 3 (15,00%) têm 14 anos. Idade

Idade

15

30,00%

10

20,00%

5

10,00%

0,00%

0 12

13

Básico N.º %

14

12

15

12 6 30,00

13

14

13 11 55,00

15

14 3 15,00

Neste nível de ensino, o fator idade não surge como elemento determinante para aqueles alunos que sofrem Bullying. Pelo que se observa, são em maior número, por cada nível etário, os alunos que não sofreram este tipo de violência do que os que a sofreram. Regista-se, no entanto, que é ao nível dos alunos com 13 anos de idade onde surge o maior número de alunos que sofreram Bullying. 8.2.- Fator "género" no Ensino Básico. Dos 144 alunos do Ensino Básico que responderam a este ponto do inquérito, 12 (15,19%) dos que já sofreram Bullying e 67 (84,81%) que nunca sofreram são do género feminino e 8 (12,31%) dos que já sofreram Bullying e 57 (87,69%) que nunca sofreram são do género masculino. Género

Género

100,00%

80 60 40 20 0

50,00% 0,00% Sim

Não Feminino

Violência Escolar

Sim

Não Feminino

Página 202


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Género

Género

100,00%

60 40

50,00%

20

0,00%

0 Sim

Sim

Não

Feminino

Básico

Sim 12 15,19

N.º %

Não Masculino

Masculino

Masculino Não 67 84,81

Sim 8 12,31

Não 57 87,69

Dos 20 alunos do Ensino Básico que já sofreram Bullying, 12 (60,00%) são do género feminino e 8 (40,00%) são do género masculino. Género

Género

20,00%

15

15,00%

10

10,00%

5

5,00%

0

0,00%

Feminino

Básico N.º %

Masculino

Feminino 12 60,00

Feminino

Masculino

Masculino 8 40,00

Neste nível de ensino, o fator género não surge como elemento determinante para aqueles alunos que sofrem Bullying. Pelo que se observa, são em maior número, por cada género, os alunos que não sofreram este tipo de violência do que os que a sofreram. Regista-se, no entanto, que é ao nível do género feminino onde surge o maior número de alunos que sofreram Bullying. Poder-se-á, então, afirmar que o género feminino é mais suscetível a este fenómeno do que o masculino. 8.3.- Fator "ano de escolaridade" no Ensino Básico. Dos 144 alunos do Ensino Básico que responderam a este ponto do inquérito, 8 (12,12%) dos que já sofreram Bullying e 58 (87,88%) que nunca sofreram são do 7.º ano de escolaridade, 11 (25,00%) dos que já sofreram Bullying e 33 (75,00%) que nunca sofreram são do 8.º ano de escolaridade e 1 (2,94%) dos que já sofreram Bullying e 33 (97,06%) que nunca sofreram são do 8.º ano de escolaridade.

Violência Escolar

Página 203


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Ano de escolaridade

Ano de escolaridade

100,00%

60 40

50,00%

20

0,00%

0 Sim

Sim

Não

Não 7.º

7.º

Ano de escolaridade

Ano de escolaridade

80,00% 60,00% 40,00% 20,00% 0,00%

40 30 20 10 0

Sim

Sim

Não

Não 8.º

8.º

Ano de escolaridade

Ano de escolaridade

100,00%

40 30 20 10 0

50,00% 0,00% Sim

Sim

Não

Básico N.º %

Não 9.º

9.º

7.º Sim 8 12,12

8.º Não 58 87,88

Sim 11 25,00

9.º Não 33 75,00

Sim 1 2,94

Não 33 97,06

Dos 20 alunos do Ensino Básico que já sofreram Bullying, 8 (40,00%) são do 7.º ano de escolaridade, 11 (55,00%) são do 8.º ano de escolaridade e 1 (5,00%) são do 9.º ano de escolaridade. Ano de escolaridade

Ano de escolaridade

12

25,00%

10

20,00%

8

15,00%

6

10,00%

4 2

5,00%

0

0,00% 7.º

Básico N.º %

8.º

7.º 8 40,00

Violência Escolar

7.º

9.º

8.º 11 55,00

8.º

9.º

9.º 1 5,00 Página 204


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Neste nível de ensino, o fator ano de escolaridade não surge como elemento determinante para aqueles alunos que sofrem Bullying. Pelo que se observa, são em maior número, por cada ano de escolaridade, os alunos que não sofreram este tipo de violência do que os que a sofreram. Regista-se, no entanto, que é ao nível dos alunos do 8.º ano de escolaridade onde surge o maior número de alunos que sofreram Bullying. 8.4.- Fator "conhecimento da realidade do Bullying" no Ensino Básico. Dos 20 alunos do Ensino Básico que que já sofreram Bullying, todos afirmaram ter conhecimento da realidade do Bullying; este conhecimento foi adquirido quer em atividades de Escola, quer no ambiente familiar, também etravés da Escola Segura, ou Associação de Pais e mesmo por outros meios. Básico Sim Não N.º 20 0 % 100,00 0,00 Esta observação permite afirmar, sem qualquer dúvida, que não é a falta de conhecimento da realidade do Bullying, na sua definição, causas e consequências, que leva os alunos a serem violentos com os colegas. Já ouviste falar em Bullying e/ou em Ciberbullying?

Já ouviste falar em Bullying e/ou em Ciberbullying?

20

100,00%

10

50,00%

0,00%

0 Sim

Não Conhecimento de Bullying e Ciberbullying

Sim

Não

Conhecimento de Bullying e Ciberbullying

8.5.- Fator "retenções" no Ensino Básico. Dos 20 alunos do Ensino Básico que que já sofreram Bullying, 2 deles (10,00%) já registam retenção em anos letivos anteriores e 18 (90,00%) não registam qualquer retenção no percurso escolar. Esses 2 casos de retenções registam 1 retenção ao longo da sua escolaridade. Básico Sim Não N.º 2 18 % 10,00 90,00 Básico 1 vez 2 ou + vezes N.º 2 0 % 100,00 0,00 Esta observação permite afirmar, com algum grau de certeza, que não é o facto de o aluno ter sido retido, ao longo do seu percurso escolar, que o leva a ser violento com os colegas.

Violência Escolar

Página 205


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

8.6.- Fator "idade" no Ensino Secundário. Dos 301 alunos do Ensino Secundário que responderam a este ponto do inquérito, 9 (10,59%) dos que já sofreram Bullying e 76 (89,41%) que nunca sofreram têm 15 anos, 14 (15,22%) dos que já sofreram Bullying e 78 (84,78%) que nunca sofreram têm 16 anos, 19 (20,21%) dos que já sofreram Bullying e 75 (79,79%) que nunca sofreram têm 17 anos, 7 (29,17%) dos que já sofreram Bullying e 17 (70,83%) que nunca sofreram têm 18 anos e 6 (100,00%) que nunca sofreram têm 19 anos. Idade

Idade

100,00%

80 60 40 20 0

50,00% 0,00% Sim

Sim

Não

Não 15

15

Idade

Idade

100,00%

80 60 40 20 0

50,00% 0,00% Sim

Sim

Não

Não 16

16

Idade

Idade

80,00% 60,00% 40,00% 20,00% 0,00%

80 60 40 20 0 Sim

Sim

Não

Não 17

17

Idade

Idade

80,00% 60,00% 40,00% 20,00% 0,00%

20 15 10 5 0 Sim

Não 18

Violência Escolar

Sim

Não 18

Página 206


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Idade

Idade

100,00%

6 4

50,00%

2

0,00%

0 Sim

Sim

Não

Não 19

19

15

Secundário N.º %

16

17

18

19 Não

Sim

Não

Sim

Não

Sim

Não

Sim

Não

Sim

9

76

14

78

19

75

7

17

0

6

10,59

89,41

15,22

84,78

20,21

79,79

29,17

70,83

0,00

100,00

Dos 42 alunos do Ensino Secundário que já sofreram Bullying, 9 (21,43%) têm 15 anos, 14 (33,33%) têm 16 anos, 19 (45,24%) têm 17 anos e 7 (16,67%) têm 18 anos. Idade

Idade

30,00% 25,00% 20,00% 15,00% 10,00% 5,00% 0,00%

20 15 10 5 0 15

16

Secundário N.º %

17

15 9 21,43

18

15

19

16 14 33,33

16

17 19 45,24

17

18

19

18 7 16,67

Neste nível de ensino, o fator idade não surge como elemento determinante para aqueles alunos que sofrem Bullying. Pelo que se observa, são em maior número, por cada nível etário, os alunos que não sofreram este tipo de violência do que os que a sofreram. Regista-se, no entanto, que é ao nível dos alunos com 17 anos de idade onde surge o maior número de alunos que sofreram Bullying. 8.7.- Fator "género" no Ensino Secundário. Dos 301 alunos do Ensino Secundário que responderam a este ponto do inquérito, 31 (20,53%) dos que já sofreram Bullying e 120 (79,47%) que nunca sofreram são do género feminino e 18 (12,00%) dos que já sofreram Bullying e 132 (88,00%) que nunca sofreram são do género masculino.

Violência Escolar

Página 207


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Género

Género

80,00% 60,00% 40,00% 20,00% 0,00%

150 100 50 0 Sim

Sim

Não

Não Feminino

Feminino

Género

Género

100,00%

150 100

50,00%

50

0,00%

0 Sim

Sim

Não

Secundário N.º %

Não Masculino

Masculino

Feminino Sim 31 20,53

Masculino Não 120 79,47

Sim 18 12,00

Não 132 88,00

Dos 49 alunos do Ensino Secundário que já sofreram Bullying, 31 (63,27%) são do género feminino e 18 (36,73%) são do género masculino. Género

Género

40

30,00%

30

20,00%

20

10,00%

10

0,00%

0 Feminino

Secundário N.º %

Masculino

Feminino 31 63,27

Feminino

Masculino

Masculino 18 36,73

Neste nível de ensino, o fator género não surge como elemento determinante para aqueles alunos que sofrem Bullying. Pelo que se observa, são em maior número, por cada género, os alunos que não sofreram este tipo de violência do que os que a sofreram. Regista-se, no entanto, que é ao nível do género feminino onde surge o maior número de alunos que sofreram Bullying. Poder-se-á, então, afirmar que, no Ensino Secundário, o género feminino é mais suscetível a este fenómeno do que o masculino.

Violência Escolar

Página 208


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

8.8.- Fator "ano de escolaridade" no Ensino Secundário. Dos 301 alunos do Ensino Secundário que responderam a este ponto do inquérito, 18 (14,17%) dos que já sofreram Bullying e 109 (85,83%) que nunca sofreram são do 10.º ano de escolaridade, 9 (14,75%) dos que já sofreram Bullying e 52 (85,25%) que nunca sofreram são do 11.º ano de escolaridade e 22 (19,47%) dos que já sofreram Bullying e 91 (80,53%) que nunca sofreram são do 12.º ano de escolaridade. Ano de escolaridade

Ano de escolaridade

500

600

400

400

300

200 0 Sim

95,80%

4,20%

200 100

Não

0

10.º

Sim

Não 10.º

Ano de escolaridade

Ano de escolaridade

100,00%

60 40

50,00%

20

0,00%

0 Sim

Sim

Não

Não 11.º

11.º

Ano de escolaridade

Ano de escolaridade

100

100,00%

50

50,00% 0,00%

0 Sim

Sim

Não

Secundário N.º %

10.º Sim 18 14,17

Não 12.º

12.º

11.º Não 109 85,83

Sim 9 14,75

12.º Não 52 85,25

Sim 22 19,47

Não 91 80,53

Dos 49 alunos do Ensino Secundário que já sofreram Bullying, 18 (36,73%) são do 10.º ano de escolaridade, 9 (18,37%) são do 11.º ano de escolaridade e 22 (44,90%) são do 12.º ano de escolaridade.

Violência Escolar

Página 209


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Ano de escolaridade

Ano de escolaridade

12

25,00%

10

20,00%

8

15,00%

6

10,00%

4 2

5,00%

0

0,00% 7.º

8.º

Secundário N.º %

7.º

9.º

10.º 18 36,73

8.º

11.º 9 18,37

9.º

12.º 22 44,90

Neste nível de ensino, o fator ano de escolaridade não surge como elemento determinante para aqueles alunos que sofrem Bullying. Pelo que se observa, são em maior número, por cada ano de escolaridade, os alunos que não sofreram este tipo de violência do que os que a sofreram. Regista-se, no entanto, que é ao nível dos alunos do 12.º ano de escolaridade onde surge o maior número de alunos que sofreram Bullying. 8.9.- Fator "conhecimento da realidade do Bullying" no Ensino Secundário. Dos 49 alunos do Ensino Secundário que já sofreram Bullying, todos afirmaram ter conhecimento da realidade do Bullying; este conhecimento foi adquirido quer em atividades de Escola, quer no ambiente familiar, também etravés da Escola Segura, ou Associação de Pais e mesmo por outros meios. Secundário Sim Não N.º 49 0 % 100,00 0,00 Esta observação permite afirmar, sem qualquer dúvida, que não é a falta de conhecimento da realidade do Bullying, na sua definição, causas e consequências, que leva os alunos a serem violentos com os colegas. Já ouviste falar em Bullying e/ou em Ciberbullying?

Já ouviste falar em Bullying e/ou em Ciberbullying?

100,00%

60 40

50,00%

20

0,00%

0 Sim

Não Conhecimento de Bullying e Ciberbullying

Sim

Não

Conhecimento de Bullying e Ciberbullying

8.10.- Fator "retenções" no Ensino Secundário. Dos 49 alunos do Ensino Secundário que que já sofreram Bullying, 10 deles (20,41%) já registam retenção em anos letivos anteriores e 39 (79,59%) não registam qualquer Violência Escolar

Página 210


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

retenção no percurso escolar. Em 8 casos (88,89%) de alunos com retenções esse facto ocorreu 1 vez ao longo da sua escolaridade e em 1 (11,11%) ocorreu 2 vezes. Secundário N.º %

Sim 10 20,41

Não 39 79,59

Secundário N.º %

1 vez 8 88,89

2 ou + vezes 1 11,11

Esta observação permite afirmar, com algum grau de certeza, que no Ensino Secundário, não é o facto de o aluno ter sido retido, ao longo do seu percurso escolar, que o leva a ser violento com os colegas. Já alguma vez reprovaste?

Já alguma vez reprovaste?

80,00% 60,00% 40,00% 20,00% 0,00%

40 30 20 10 0 Sim

Sim

Não

Não Reprovação

Reprovação

Quantas vezes reprovaste?

Quantas vezes reprovaste?

100,00%

8 6

50,00%

4 2

0,00%

0

1 vez

2 vezes

3 ou 4 vezes

Número de Vezes

5 ou + vezes

1 vez

2 vezes

3 ou 4 vezes

5 ou + vezes

Número de Vezes

8.11.- Caracterização do aluno que sofreu Bullying no Ensino Básico. O aluno que sofre Bullying frequenta o 8.º ano de escolaridade, é do género feminino e tem 13 anos de idade. Durante o seu percurso escolar, nunca reprovou e sabe o que é a violência escolar; obteve informação sobre Bullying e Cyberbullying numa atividade de sensibilização ou Palestra. Em casa os pais já o informaram, também, sobre estas duas formas de violência. Este aluno, quando vê algum colega ser vítima de Bullying, sente muita pena e quer ajudar; esta opinião que tem relativamente a colegas que sofrem Bullying, leva-o a não ter sido violento com ninguém fora da escola. Também na Escola, este aluno nunca foi violento com ninguém. Este aluno não foi vítima de Cyberbullying.

Violência Escolar

Página 211


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Este aluno reconhece que em situações de Bullying, os professores e / ou adultos da Escola intervêm por vezes ou sempre para resolver a situação. Em relação aos colegas, este aluno considera que por vezes estes intervêm para resolver a situação de Bullying. 8.12.- Caracterização do aluno que sofreu Bullying no Ensino Secundário. O aluno que sofre Bullying frequenta o 12.º ano de escolaridade, é do género feminino e tem 17 anos de idade. Durante o seu percurso escolar, nunca reprovou e sabe o que é a violência escolar; obteve informação sobre Bullying e Cyberbullying numa atividade de sensibilização ou Palestra. Em casa os pais já o informaram, também, sobre estas duas formas de violência. Este aluno, quando vê algum colega ser vítima de Bullying, sente revolta e ajuda a vítima a defender-se; esta opinião que tem relativamente a colegas que sofrem Bullying, leva-o a não ter sido violento com ninguém fora da escola. Também na Escola, este aluno nunca foi violento com ninguém. Este aluno não foi vítima de Cyberbullying. Este aluno reconhece que em situações de Bullying, os professores e / ou adultos da Escola intervêm por vezes para resolver a situação. Em relação aos colegas, este aluno considera que por vezes estes intervêm para resolver a situação de Bullying.

Violência Escolar

Página 212


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/ 2018

Relação entre Sofrer Cyberbullying e Fatores

Violência Escolar

Página 213


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/ 2018

9.- Relação entre alunos que sofreram Cyberbullying e Fatores. 9.1.- Fator "idade" no Ensino Básico. Dos 144 alunos do Ensino Básico que responderam a este ponto do inquérito, 45 (100,00%) que nunca sofreram Cyberbullying têm 12 anos, 1 (2,04%) dos que já sofreram Cyberbullying e 48 (97,96%) que nunca sofreram têm 13 anos, 1 (2,94%) dos que já sofreram Cyberbullying e 33 (97,06%) que nunca sofreram têm 14 anos e 16 (100,00%) que nunca sofreram Cyberbullying têm 15 anos. Idade

Idade

100,00%

60 40

50,00%

20

0,00%

0 Sim

Sim

Não

Não 12

12

Idade

Idade

100,00%

60 40

50,00%

20

0,00%

0 Sim

Sim

Não

Não 13

13

Idade

Idade

100,00%

40 30 20 10 0

50,00% 0,00% Sim

Sim

Não

Não 14

14

Idade

Idade

100,00%

20 15 10 5 0

50,00% 0,00% Sim

Não 15

Violência Escolar

Sim

Não 15

Página 214


Escola Secundária de Barcelinhos

12

Básico

Sim 0 0,00

N.º %

Ano Letivo 2017/ 2018

13

Não 45 100,00

Sim 1 22,45

14 Não 48 77,55

Sim 1 8,82

15 Não 33 91,18

Sim 0 0,00

Não 16 100,00

Dos 2 alunos do Ensino Básico que já sofreram Cyberbullying, 1 (50,00%) tem 13 anos e 1 (50,00%) tem 14 anos. Idade

Idade

3,00%

1

2,00%

0,5

1,00% 0,00%

0 12

13

Básico N.º %

14

12

15

12 0 0,00

13

14

13 1 50,00

15

14 1 50,00

Neste nível de ensino, o fator idade não surge como elemento determinante para aqueles alunos que sofrem Bullying. Pelo que se observa, são em maior número, por cada nível etário, os alunos que não sofreram este tipo de violência do que os que a sofreram. Regista-se, no entanto, que é ao nível dos alunos com 13 e 14 anos de idade onde surgem todos os casos de alunos que sofreram Cyberbullying. 9.2.- Fator "género" no Ensino Básico. Dos 144 alunos do Ensino Básico que responderam a este ponto do inquérito, 2 (2,53%) dos que já sofreram Cyberbullying e 77 (97,47%) que nunca sofreram são do género feminino e 65 (100,00%) que nunca sofreram Cyberbullying são do género masculino. Género

Género

100,00%

80 60 40 20 0

50,00% 0,00% Sim

Não Feminino

Violência Escolar

Sim

Não Feminino

Página 215


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/ 2018

Género

Género

100,00%

80 60 40 20 0

50,00% 0,00% Sim

Sim

Não

Feminino

Básico

Sim 2 2,53

N.º %

Não Masculino

Masculino

Masculino Não 77 97,47

Sim 0 0,00

Não 65 100,00

Dos 2 alunos do Ensino Básico que já sofreram Cyberbullying, ambos (100,00%) são do género feminino. Género

Género

2

3,00%

1,5

2,00%

1

1,00%

0,5

0,00%

0 Feminino

Básico N.º %

Masculino

Feminino 2 100,00

Feminino

Masculino

Masculino 0 0,00

Neste nível de ensino, o fator género não surge como elemento determinante para aqueles alunos que sofrem Cyberbullying. Pelo que se observa, são em maior número, por cada género, os alunos que não sofreram este tipo de violência do que os que a sofreram. Regista-se, no entanto, que é ao nível do género feminino onde surgem todos os casos de alunos que sofreram Cyberbullying. Poder-se-á, então, afirmar que o género feminino é mais suscetível a este fenómeno do que o masculino. 9.3.- Fator "ano de escolaridade" no Ensino Básico. Dos 144 alunos do Ensino Básico que responderam a este ponto do inquérito, 66 (100,00%) que nunca sofreram Cyberbullying são do 7.º ano de escolaridade, 2 (4,55%) dos que já sofreram Cyberbullying e 42 (95,45%) que nunca sofreram são do 8.º ano de escolaridade e 34 (100,00%) que nunca sofreram Cyberbullying são do 8.º ano de escolaridade.

Violência Escolar

Página 216


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/ 2018

Ano de escolaridade

Ano de escolaridade

100,00%

80 60 40 20 0

50,00% 0,00% Sim

Sim

Não

Não 7.º

7.º

Ano de escolaridade

Ano de escolaridade

100,00%

60 40

50,00%

20

0,00%

0 Sim

Sim

Não

Não 8.º

8.º

Ano de Escolaridade

Ano de Escolaridade

100,00%

40 30 20 10 0

50,00% 0,00% Sim

Sim

Não

7.º

Básico

Sim 0 0,00

N.º %

Não 9.º

9.º

8.º Não 66 100,00

Sim 2 4,55

9.º Não 42 95,45

Sim 0 0,00

Não 34 100,00

Dos 2 alunos do Ensino Básico que já sofreram Cyberbullying, ambos (100,00%) são do 8.º ano de escolaridade. Ano de escolaridade

Ano de escolaridade

5,00%

2

4,00%

1,5

3,00%

1

2,00%

0,5

1,00%

0

0,00% 7.º

Básico N.º %

8.º

7.º 0 0,00

Violência Escolar

7.º

9.º

8.º 2 100,00

8.º

9.º

9.º 0 0,00

Página 217


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/ 2018

Neste nível de ensino, o fator ano de escolaridade não surge como elemento determinante para aqueles alunos que sofrem Cyberbullying. Pelo que se observa, são em maior número, por cada ano de escolaridade, os alunos que não sofreram este tipo de violência do que os que a sofreram. Regista-se, no entanto, que é ao nível dos alunos do 8.º ano de escolaridade onde surge o total de casos de alunos que sofreram Cyberbullying. 9.4.- Fator "conhecimento da realidade do Cyberbullying" no Ensino Básico. Dos 2 alunos do Ensino Básico que que já sofreram Cyberbullying, todos afirmaram ter conhecimento da realidade do Cyberbullying; este conhecimento foi adquirido quer em atividades de Escola, quer no ambiente familiar, também etravés da Escola Segura, ou Associação de Pais e mesmo por outros meios. Básico Sim Não N.º 2 0 % 100,00 0,00 Esta observação permite afirmar, sem qualquer dúvida, que não é a falta de conhecimento da realidade do Cyberbullying, na sua definição, causas e consequências, que leva os alunos a serem violentos com os colegas. Já ouviste falar em Bullying e/ou em Ciberbullying?

Já ouviste falar em Bullying e/ou em Ciberbullying?

2

100,00%

1

50,00% 0,00%

0 Sim

Não

Sim

Não

Conhecimento de Bullying e Ciberbullying

Conhecimento de Bullying e Ciberbullying

9.5.- Fator "retenções" no Ensino Básico. Dos 2 alunos do Ensino Básico que já sofreram Cyberbullying, 1 deles (50,00%) já registou retenção em anos letivos anteriores e 1 (50,00%) não registou qualquer retenção no percurso escolar. Esse caso de retenção regista 1 situação ao longo da sua escolaridade. Básico N.º %

Sim 1 50,00

Não 1 50,00

Básico N.º %

1 vez 1 100,00

2 ou + vezes 0 0,00

Esta observação permite afirmar, com algum grau de certeza, que não é o facto de o aluno ter sido retido, ao longo do seu percurso escolar, que o leva a ser violento com os colegas. Violência Escolar

Página 218


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/ 2018

Já alguma vez reprovaste?

Já alguma vez reprovaste?

60,00%

1

40,00%

0,5

20,00%

0,00%

0 Sim

Sim

Não

Não Reprovação

Reprovação

Quantas vezes reprovaste?

Quantas vezes reprovaste?

100,00%

2 1,5

50,00%

1 0,5

0,00%

0 1 vez

2 vezes

3 ou 4 vezes

1 vez

5 ou + vezes

2 vezes

Número de Vezes

3 ou 4 vezes

5 ou + vezes

Número de Vezes

9.6.- Fator "idade" no Ensino Secundário. Dos 295 alunos do Ensino Secundário que responderam a este ponto do inquérito, 2 (2,38%) dos que já sofreram Cyberbullying e 82 (97,62%) que nunca sofreram têm 15 anos, 2 (2,25%) dos que já sofreram Cyberbullying e 87 (97,75%) que nunca sofreram têm 16 anos, 3 (3,19%) dos que já sofreram Cyberbullying e 91 (96,81%) que nunca sofreram têm 17 anos, 22 (100,00%) que nunca sofreram Cyberbullying têm 18 anos e 6 (100,00%) que nunca sofreram Cyberbullying têm 19 anos. Idade

Idade

100

100,00%

50

50,00% 0,00%

0 Sim

Sim

Não

Não 15

15

Idade

Idade

87

100,00%

100 50

50,00%

2

0,00%

0 Sim

Não 16

Violência Escolar

Sim

Não 16

Página 219


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/ 2018

Idade

Idade

100

100,00%

50

50,00% 0,00%

0 Sim

Sim

Não

Não 17

17

Idade

Idade

100,00%

30 20

50,00%

10

0,00%

0 Sim

Sim

Não

Não 18

18

Idade

Idade

100,00%

6 4

50,00%

2

0,00%

0 Sim

Sim

Não

Não 19

19

15

Secundário N.º %

16 Sim Não

17

18

19

Sim

Não

Sim

Não

Sim

Não

Sim

Não

2

82

2

87

3

91

0

22

0

6

2,38

97,62

2,25

97,75

3,19

96,81

9,00

100,00

0,00

100,00

Dos 7 alunos do Ensino Secundário que já sofreram Cyberbullying, 2 (28,57%) têm 15 anos, 2 (28,57%) têm 16 anos e 3 (42,86%) têm 17 anos. Idade

Idade

4,00%

3 2,5 2 1,5 1 0,5 0

3,00% 2,00% 1,00% 0,00% 15

Secundário N.º %

16

17

15 2 28,57

Violência Escolar

18

15

19

16 2 28,57

16

17 3 42,86

17

18

19

18 0 0,00

Página 220


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/ 2018

Neste nível de ensino, o fator idade não surge como elemento determinante para aqueles alunos que sofrem Cyberbullying. Pelo que se observa, são em maior número, por cada nível etário, os alunos que não sofreram este tipo de violência do que os que a sofreram. Regista-se, no entanto, que é ao nível dos alunos com 17 anos de idade onde surge o maior número de alunos que sofreram Cyberbullying, apesar de a diferença para os de 15 e 16 anos de idade não ser significativa. 9.7.- Fator "género" no Ensino Secundário. Dos 295 alunos do Ensino Secundário que responderam a este ponto do inquérito, 6 (4,03%) dos que já sofreram Cyberbullying e 143 (95,97%) que nunca sofreram são do género feminino e 1 (0,68%) dos que já sofreram Cyberbullying e 145 (99,32%) que nunca sofreram são do género masculino. Género

Género

100,00%

150 100

50,00%

50

0,00%

0 Sim

Sim

Não

Não Feminino

Feminino

Género

Género

150

100,00%

100

50,00%

50 0 Sim

0,00%

Não

Sim

Masculino

Secundário N.º %

Não Masculino

Feminino Sim 6 4,03

Masculino Não 143 95,97

Sim 1 0,68

Não 145 99,32

Dos 7 alunos do Ensino Secundário que já sofreram Cyberbullying, 6 (85,71%) são do género feminino e 1 (14,29%) é do género masculino. Género

Género

6

6,00%

4

4,00%

2

2,00%

0

0,00% Feminino

Violência Escolar

Masculino

Feminino

Masculino

Página 221


Escola Secundária de Barcelinhos

Secundário N.º %

Ano Letivo 2017/ 2018

Feminino 6 85,71

Masculino 1 14,29

9.8.- Fator "ano de escolaridade" no Ensino Secundário. Dos 299 alunos do Ensino Secundário que responderam a este ponto do inquérito, 4 (3,15%) dos que já sofreram Cyberbullying e 123 (96,85%) que nunca sofreram são do 10.º ano de escolaridade, 1 (1,64%) dos que já sofreram Cyberbullying e 60 (98,36%) que nunca sofreram são do 11.º ano de escolaridade e (1,80%) dos que já sofreram Cyberbullying e 109 (98,20%) que nunca sofreram são do 12.º ano de escolaridade. Ano de escolaridade

Ano de escolaridade

100,00%

150 100

50,00%

50

0,00%

0 Sim

Sim

Não

Não 10.º

10.º

Ano de escolaridade

Ano de escolaridade

100,00%

60 40

50,00%

20

0,00%

0 Sim

Sim

Não 11.º

Não 11.º

Ano de Escolaridade

Ano de Escolaridade

100,00%

150 100

50,00%

50

0,00%

0 Sim

Sim

Não

Secundário N.º %

Não 12.º

12.º

10.º Sim 4 3,15

11.º Não 123 96,85

Sim 1 1,64

Não 60 98,36

12.º Sim 2 1,80

Não 109 98,20

Dos 49 alunos do Ensino Secundário que já sofreram Bullying, 4 (57,14%) são do 10.º ano de escolaridade, 1 (14,29%) são do 11.º ano de escolaridade e 2 (28,57%) são do 12.º ano de escolaridade.

Violência Escolar

Página 222


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/ 2018

Ano de escolaridade

Ano de escolaridade

4

4,00%

3

3,00%

2

2,00%

1

1,00%

0

0,00% 10.º

11.º

Secundário N.º %

10.º

12.º

10.º 4 57,14

11.º

11.º 1 14,29

12.º

12.º 2 28,57

Neste nível de ensino, o fator ano de escolaridade não surge como elemento determinante para aqueles alunos que sofrem Cyberbullying. Pelo que se observa, são em maior número, por cada ano de escolaridade, os alunos que não sofreram este tipo de violência do que os que a sofreram. Regista-se, no entanto, que é ao nível do 10.º ano de escolaridade onde surge o maior número de alunos que sofreram Cyberbullying. 9.9.- Fator "conhecimento da realidade do Cyberbullying" no Ensino Secundário. Dos 7 alunos do Ensino Secundário que já sofreram Cyberbullying, todos afirmaram ter conhecimento da realidade do Cyberbullying; este conhecimento foi adquirido quer em atividades de Escola, quer no ambiente familiar, também etravés da Escola Segura, ou Associação de Pais e mesmo por outros meios. Secundário Sim Não N.º 7 0 % 100,00% 0,00% Esta observação permite afirmar, sem qualquer dúvida, que não é a falta de conhecimento da realidade do Cyberbullying, na sua definição, causas e consequências, que leva os alunos a serem violentos com os colegas. Já ouviste falar em Bullying e/ou em Ciberbullying?

Já ouviste falar em Bullying e/ou em Ciberbullying?

10

100,00%

5

50,00% 0,00%

0 Sim

Não

Conhecimento de Bullying e Ciberbullying

Sim

Não

Conhecimento de Bullying e Ciberbullying

9.10.- Fator "retenções" no Ensino Secundário. Dos 7 alunos do Ensino Secundário que que já sofreram Cyberbullying, nenhum deles (100,00%) registou retenção em anos letivos anteriores. Violência Escolar

Página 223


Escola Secundária de Barcelinhos

Secundário N.º %

Ano Letivo 2017/ 2018

Sim 0 0,00

Não 7 100,00

Esta observação permite afirmar, com elevado grau de certeza, que no Ensino Secundário, não é o facto de o aluno ter sido retido, ao longo do seu percurso escolar, que o leva a ser violento com os colegas. Já alguma vez reprovaste?

Já alguma vez reprovaste?

100,00%

8 6 4 2 0

50,00% 0,00% Sim

Não

Reprovação

Sim

Não Reprovação

9.11.- Caracterização do aluno que sofreu Cyberbullying no Ensino Básico. O aluno que sofre Cyberbullying frequenta o 8.º ano de escolaridade, é do género feminino e tem 13 ou 14 anos de idade. Durante o seu percurso escolar, nunca reprovou ou reprovou uma vez e sabe o que é a violência escolar; obteve informação sobre Bullying e Cyberbullying numa atividade de sensibilização ou Palestra e através da professora ou professor. Em casa os pais já o informaram, também, sobre estas duas formas de violência. Este aluno, quando vê algum colega ser vítima de Bullying, sente revolta e ajuda a vítima a defender-se; esta opinião que tem relativamente a colegas que sofrem Bullying, leva-o a não ter sido violento com ninguém fora da escola. Também na Escola, este aluno nunca foi violento com ninguém. Este aluno já foi também vítima de Bullying. Este aluno reconhece que em situações de Bullying, os professores e / ou adultos da Escola intervêm sempre para resolver a situação. Em relação aos colegas, este aluno considera que sempre ou por vezes estes intervêm para resolver a situação de Bullying. 9.12.- Caracterização do aluno que sofreu Cyberbullying no Ensino Secundário. O aluno que sofre Bullying frequenta o 10.º ano de escolaridade, é do género feminino e tem 17 anos de idade. Durante o seu percurso escolar, nunca reprovou e sabe o que é a violência escolar; obteve informação sobre Bullying e Cyberbullying numa atividade de sensibilização ou Palestra. Em casa os pais já o informaram, também, sobre estas duas formas de violência. Este aluno, quando vê algum colega ser vítima de Bullying, sente revolta e ajuda a vítima a defender-se; esta opinião que tem relativamente a colegas que sofrem Bullying, leva-o a não ter sido violento com ninguém fora da escola. Também na Escola, este aluno nunca foi violento com ninguém. Violência Escolar

Página 224


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/ 2018

Este aluno já foi também vítima de Bullying. Este aluno reconhece que em situações de Bullying, os professores e / ou adultos da Escola intervêm frequentemente para resolver a situação. Em relação aos colegas, este aluno considera que estes intervêm frequentemente para resolver a situação de Bullying.

Violência Escolar

Página 225


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Relação entre Violência Fora da Escola e Fatores

Violência Escolar

Página 226


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

10.- Relação entre alunos que praticaram violência fora da Escola e Fatores. 10.1.- Fator "idade" no Ensino Básico. Dos 144 alunos do Ensino Básico que responderam a este ponto do inquérito, 8 (17,78%) dos que já foram violentos fora da Escola e 37 (82,22%) que nunca o foram têm 12 anos, 4 (8,16%) dos que já foram violentos fora da Escola e 45 (91,84%) que nunca o foram têm 13 anos, 7 (20,59%) dos que já foram violentos fora da Escola e 27 (79,41%) que nunca o foram têm 14 anos e 2 (12,50%) que já foram violentos fora da Escola e 14 (87,50%) que nunca o foram têm 15 anos. Idade

Idade

100,00%

40 30 20 10 0

50,00% 0,00% Sim

Sim

Não

Não 12

12

Idade

Idade

100,00%

60 40

50,00%

20

0,00%

0 Sim

Sim

Não

Não 13

13

Idade

Idade

80,00% 60,00% 40,00% 20,00% 0,00%

30 20 10 0 Sim

Sim

Não

Não 14

14

Idade

Idade

100,00%

15 10

50,00%

5

0,00%

0 Sim

Não 15

Violência Escolar

Sim

Não 15

Página 227


Escola Secundária de Barcelinhos

12

Básico

Sim 8 17,78

N.º %

Ano Letivo 2017/2018

13 Não 37 82,22

Sim 4 8,16

14 Não 45 91,84

Sim 7 20,59

15 Não 27 79,41

Sim 2 12,50

Não 14 87,50

Dos 21 alunos do Ensino Básico que já foram violentos fora da Escola, 8 (38,10%) têm 12 anos, 4 (19,05%) têm 13 anos, 7 (33,33%) têm 14 anos e 2 (9,52%) têm 15 anos. Idade

Idade

30,00%

8 6

20,00%

4

10,00%

2

0,00%

0 12

13

Básico N.º %

14

12

15

12 8 38,10

13 4 19,05

13

14

15

14 7 33,33

15 2 9,52

Neste nível de ensino, o fator idade não surge como elemento determinante para aqueles alunos que foram violentos fora da Escola. Pelo que se observa, são em maior número, por cada nível etário, os alunos que não foram violentos do que os que o foram. Regista-se, no entanto, que é ao nível dos alunos com 12 anos de idade onde surge o maior número de casos de alunos que já foram violentos fora da Escola. 10.2.- Fator "género" no Ensino Básico. Dos 144 alunos do Ensino Básico que responderam a este ponto do inquérito, 7 (8,86%) dos que já foram violentos fora da Escola e 72 (91,14%) que nunca o foram são do género feminino e 14 (21,54%) que nunca foram violentos fora da Escola e 51 (78,46%) que nunca o foram são do género masculino. Género

Género

100,00%

80 60 40 20 0

50,00% 0,00% Sim

Não Feminino

Violência Escolar

Sim

Não Feminino

Página 228


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Género

Género

80,00% 60,00% 40,00% 20,00% 0,00%

60 40 20

0 Sim

Sim

Não

Básic o N.º %

Não Masculino

Masculino

Feminino Sim 7 8,86

Masculino Não 72 91,14

Sim 14 21,54

Não 51 78,46

Dos 21 alunos do Ensino Básico que já foram violentos fora da Escola, 7 (33,33%) são do género feminino e 14 (66,67%) são do género masculino. Género

Género

15

30,00%

10

20,00%

5

10,00%

0,00%

0 Feminino

Básico N.º %

Masculino

Feminino 7 33,33

Feminino

Masculino

Masculino 14 66,67

Neste nível de ensino, o fator género não surge como elemento determinante para aqueles alunos que foram violentos fora da Escola. Pelo que se observa, são em maior número, por cada género, os alunos que não praticaram este tipo de violência do que os que a praticaram. Regista-se, no entanto, que é ao nível do género masculino onde surge a maior parte dos casos de alunos que foram violentos fora da Escola. Poder-se-á, então, afirmar que o género masculino é mais suscetível a este fenómeno do que o feminino. 10.3.- Fator "ano de escolaridade" no Ensino Básico. Dos 144 alunos do Ensino Básico que responderam a este ponto do inquérito, 9 (13,64%) que já foram violentos fora da Escola e 57 (86,36%) que nunca o foram são do 7.º ano de escolaridade, 7 (15,91%) dos que já praticaram violência fora da Escola e 37 (84,09%) que nunca o foram são do 8.º ano de escolaridade e 5 (14,71%) que já foram violentos fora da Escola e 29 (85,29%) que nunca o foram são do 9.º ano de escolaridade.

Violência Escolar

Página 229


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Ano de escolaridade

Ano de escolaridade

100,00%

60 40

50,00%

20

0,00%

0 Sim

Sim

Não

Não 7.º

7.º

Ano de escolaridade

Ano de escolaridade

100,00%

40 30 20 10 0

50,00% 0,00% Sim

Sim

Não

Não 8.º

8.º

Ano de escolaridade

Ano de Escolaridade

100,00%

30 20

50,00%

10

0,00%

0 Sim

Sim

Não

Básico N.º %

Não 9.º

9.º

7.º Sim 9 13,64

8.º Não 57 86,36

Sim 7 15,91

9.º Não 37 84,09

Sim 5 14,71

Não 29 82,59

Dos 21 alunos do Ensino Básico que já foram violentos fora da Escola, 9 (42,86%) são do 7.º ano de escolaridade, 7 (33,33%) são do 8.º ano de escolaridade e 5 (23,81%) são do 9.º ano de escolaridade. Ano de escolaridade

Ano de escolaridade

10

16,00%

8

15,00%

6

14,00%

4

13,00%

2

12,00%

0 7.º

Básico N.º %

8.º

7.º 9 42,86

Violência Escolar

7.º

9.º

8.º 7 33,33

8.º

9.º

9.º 5 23,81

Página 230


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Neste nível de ensino, o fator ano de escolaridade não surge como elemento determinante para aqueles alunos que foram violentos fora da Escola. Pelo que se observa, são em maior número, por cada ano de escolaridade, os alunos que não praticaram este tipo de violência do que os que a praticaram. Regista-se, no entanto, que é ao nível dos alunos do 7.º ano de escolaridade onde surge o maior número de casos de alunos que foram violentos fora da Escola. 10.4.- Fator "conhecimento da realidade do Bullying e/ou Cyberbullying" no Ensino Básico. Dos 21 alunos do Ensino Básico que já praticaram violência fora da Escola, todos afirmaram ter conhecimento da realidade do Bullying e/ou Cyberbullying; este conhecimento foi adquirido quer em atividades de Escola, quer no ambiente familiar, também etravés da Escola Segura, ou Associação de Pais e mesmo por outros meios. Básico Sim Não N.º 21 0 % 100,00 0,00 Esta observação permite afirmar, sem qualquer dúvida, que não é a falta de conhecimento da realidade do Bullying e/ou Cyberbullying, na sua definição, causas e consequências, que leva os alunos a serem violentos com os colegas. Já ouviste falar em Bullying e/ou em Ciberbullying?

Já ouviste falar em Bullying e/ou em Ciberbullying?

100,00%

30 20

50,00%

10

0,00%

0 Sim

Não

Sim

Não

Conhecimento de Bullying e Ciberbullying

Conhecimento de Bullying e Ciberbullying

10.5.- Fator "retenções" no Ensino Básico. Dos 21 alunos do Ensino Básico que já foram violentos fora da Escola, 4 deles (19,05%) já registou retenção em anos letivos anteriores e 17 (80,95%) não registou qualquer retenção no percurso escolar. Desses 4 casos de retenção, 2 (50,00%) registam 1 situação ao longo da sua escolaridade e outros 2 (50,00%) registam 2 ou mais retenções. Básico Sim Não N.º 4 17 % 19,05 80,95 Básico N.º %

Violência Escolar

1 vez 2 50,00

2 ou + vezes 2 50,00

Página 231


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Esta observação permite afirmar, com algum grau de certeza, que não é o facto de os alunos terem sido retidos, ao longo do seu percurso escolar, que os leva a ser violentos com os colegas. Já alguma vez reprovaste?

Já alguma vez reprovaste?

100,00%

20 15 10 5 0

50,00% 0,00% Sim

Sim

Não

Não Reprovação

Reprovação

Quantas vezes reprovaste?

Quantas vezes reprovaste?

60,00%

2 1,5

40,00%

1

20,00%

0,5

0

0,00% 1 vez

2 vezes

3 ou 4 vezes

5 ou + vezes

1 vez

2 vezes

3 ou 4 vezes

5 ou + vezes

10.6.- Fator "idade" no Ensino Secundário. Dos 300 alunos do Ensino Secundário que responderam a este ponto do inquérito, 17 (20,24%) dos que já foram violentos fora da Escola e 67 (79,76%) que nunca o foram têm 15 anos, 12 (13,19%) dos que já foram violentos fora da Escola e 79 (86,81%) que nunca o foram têm 16 anos, 11 (11,58%) dos que já foram violentos fora da Escola e 84 (88,42%) que nunca o foram têm 17 anos, 7 (29,17%) dos que já foram violentos fora da Escola e 17 (70,83%) que nunca o foram têm 18 anos e 6 (100,00%) dos que ainda não foram violentos fora da Escola têm 19 anos. Idade

Idade

80,00% 60,00% 40,00% 20,00% 0,00%

80 60 40 20 0 Sim

Não 15

Violência Escolar

Sim

Não 15

Página 232


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Idade

Idade

100,00%

80 60 40 20 0

50,00% 0,00% Sim

Sim

Não

Não 16

16

Idade

Idade

100

100,00%

50

50,00% 0,00%

0 Sim

Sim

Não

Não 17

17

Idade

Idade

80,00% 60,00% 40,00% 20,00% 0,00%

20 15 10 5 0 Sim

Sim

Não

Não 18

18

Idade

Idade

100,00%

6 4

50,00%

2

0,00%

0 Sim

Sim

Não

Não 19

19

Secundário N.º %

15

16

17

18

19

Sim

Não

Sim

Não

Sim

Não

Sim

Não

Sim

Não

17

67

12

79

11

84

7

17

0

6

20,24

79,76

13,19

86,81

11,58

88,42

29,17

70,83

0,00

100,00

Dos 47 alunos do Ensino Secundário que já foram violentos fora da Escola, 17 (36,17%) têm 15 anos, 12 (25,53%) têm 16 anos, 11 (23,40%) têm 17 anos e 7 (14,89%) têm 18 anos.

Violência Escolar

Página 233


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Idade

Idade

30,00% 25,00% 20,00% 15,00% 10,00% 5,00% 0,00%

20 15 10

5 0 15

16

Secundário N.º %

17

18

15 17 36,17

15

19

16 12 25,53

16

17

18

17 11 23,40

19

18 7 14,89

Neste nível de ensino, o fator idade não surge como elemento determinante para aqueles alunos que já foram violentos fora da Escola. Pelo que se observa, são em maior número, por cada nível etário, os alunos que nunca praticaram este tipo de violência do que os que o fizeram. Regista-se, no entanto, que é ao nível dos alunos com 15 anos de idade onde surge o maior número de alunos que foram violentos fora da Escola. 10.7.- Fator "género" no Ensino Secundário. Dos 300 alunos do Ensino Secundário que responderam a este ponto do inquérito, 8 (5,26%) dos que já foram violentos fora da Escola e 144 (94,74%) que nunca o foram são do género feminino e 39 (26,35%) dos que já foram violentos fora da Escola e 109 (73,65%) que nunca o foram são do género masculino. Género

Género

100,00%

150 100

50,00%

50

0,00%

0 Sim

Sim

Não

Género

Género

150 100 50 0 Sim

Não Masculino

Violência Escolar

Não Feminino

Feminino

80,00% 60,00% 40,00% 20,00% 0,00% Sim

Não Masculino

Página 234


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Feminino

Secundário

Sim 8 5,26

N.º %

Masculino Não 144 94,74

Sim 39 26,35

Não 109 73,65

Dos 47 alunos do Ensino Secundário que já foram violentos fora da Escola, 8 (17,02%) são do género feminino e 39 (82,98%) são do género masculino. Género

Género

40

30,00%

30

20,00%

20

10,00%

10

0,00%

0 Feminino

Feminino

Masculino

Secundário N.º %

Feminino 8 17,02

Masculino

Masculino 39 82,98

Verifica-se, pelos dados recolhidos, que o maior número de alunos que praticaram violência fora da Escola são do género masculino; este facto poderá indicar que são os alunos do género masculino os mais violentos fora do ambiente escolar. 10.8.- Fator "ano de escolaridade" no Ensino Secundário. Dos 300 alunos do Ensino Secundário que responderam a este ponto do inquérito, 25 (20,00%) dos que já foram violentos fora da Escola e 100 (80,00%) que nunca o foram são do 10.º ano de escolaridade, 6 (9,84%) dos que já foram violentos fora da Escola e 55 (90,16%) que nunca o foram são do 11.º ano de escolaridade e 16 (14,04%) dos que já foram violentos fora da Escola e 98 (85,96%) que nunca o foram são do 12.º ano de escolaridade. Ano de escolaridade

Ano de escolaridade

80,00% 60,00% 40,00% 20,00% 0,00%

100 50 0 Sim

Não 10.º

Violência Escolar

Sim

Não 10.º

Página 235


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Ano de escolaridade

Ano de escolaridade

100,00%

60 40

50,00%

20

0,00%

0 Sim

Sim

Não

Não 11.º

11.º

Ano de escolaridade

Ano de Escolaridade

100

100,00%

50

50,00% 0,00%

0 Sim

Sim

Não

Secundário N.º %

Não 12.º

12.º

10.º Sim 25 20,00

11.º

Não 100 80,00

Sim 6 9,84

12.º Não 55 90,16

Sim 16 14,04

Não 98 85,96

Dos 47 alunos do Ensino Secundário que já foram violentos fora da Escola, 25 (53,19%) são do 10.º ano de escolaridade, 6 (12,77%) são do 11.º ano de escolaridade e 16 (34,04%) são do 12.º ano de escolaridade. Ano de escolaridade

Ano de escolaridade

25

20,00%

20

15,00%

15

10,00%

10

5,00%

5

0,00%

0 10.º

11.º

Secundário N.º %

10.º

12.º

10.º 25 53,19

11.º 6 12,77

11.º

12.º

12.º 16 34,04

Neste nível de ensino, o fator ano de escolaridade não surge como elemento determinante para aqueles alunos que praticaram violência fora da Escola. Pelo que se observa, são em maior número, por cada ano de escolaridade, os alunos que não praticaram este tipo de violência do que os que o fizeram. Regista-se, no entanto, que é ao nível do 10.º ano de escolaridade onde surge o maior número de alunos que foram violentos fora da Escola.

Violência Escolar

Página 236


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

10.9.- Fator "conhecimento da realidade do Bullying " no Ensino Secundário. Dos 47 alunos do Ensino Secundário que já foram violentos fora da Escola, todos afirmaram ter conhecimento da realidade do Bullying e/ou Cyberbullying; este conhecimento foi adquirido quer em atividades de Escola, quer no ambiente familiar, também etravés da Escola Segura, ou Associação de Pais e mesmo por outros meios. Secundário Sim Não N.º 47 0 % 100,00 0,00 Esta observação permite afirmar, sem qualquer dúvida, que não é a falta de conhecimento da realidade do Bullying e/ou Cyberbullying, na sua definição, causas e consequências, que leva os alunos a serem violentos com os colegas. Já ouviste falar em Bullying e/ou em Ciberbullying?

Já ouviste falar em Bullying e/ou em Ciberbullying?

100,00%

60 40

50,00%

20

0,00%

0 Sim

Sim

Não

Não

Conhecimento de Bullying e Ciberbullying

Conhecimento de Bullying e Ciberbullying

10.10.- Fator "retenções" no Ensino Secundário. Dos 47 alunos do Ensino Secundário que já foram violentos fora da Escola, 11 (23,40%) registou retenção em anos letivos anteriores e 36 (76,60%) nunca ficaram retidos. Secundário N.º % Secundário N.º %

Sim 11 23,40 1 vez 8 80,00

Não 36 76,60 2 vezes 1 10,00

3 ou 4 vezes 1 10,00

Dos 11 alunos que apresentam já retenções ao longo do seu percurso escolar, 8 (80,00%) registam 1 única retenção, 1 (10,00%) regista 2 retenções e 1 (10,00%) regista 3 ou 4 retenções.

Violência Escolar

Página 237


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Já alguma vez reprovaste?

Já alguma vez reprovaste?

80,00% 60,00% 40,00% 20,00% 0,00%

40 30 20 10 0 Sim

Não Reprovação

Sim

Não Reprovação

Apesar de este não ser um dos fatores determinantes na prática de violência fora da Escola, há um elevado número de alunos com retenções que já foram violentos fora da instituição escolar.

10.11.- Caracterização do aluno que foi violento fora da Escola no Ensino Básico. O aluno que foi violento fora da Escola frequenta o 7.º ano de escolaridade, é do género masculino e tem 12 anos de idade. Durante o seu percurso escolar, nunca reprovou e sabe o que é a violência escolar; obteve informação sobre Bullying e Cyberbullying numa atividade de sensibilização ou Palestra. Em casa os pais já o informaram, também, sobre estas duas formas de violência. Este aluno, quando vê algum colega ser vítima de Bullying, sente muita pena e quer ajudar; este aluno foi também violento com alguém na Escola, chamando nomes ou batendo. Este aluno, quando é violento com alguém, não sente nada ou sente-se arrependido. Este aluno nunca foi vítima de Bullying nem de Cyberbullying. Este aluno reconhece que em situações de Bullying, os professores e / ou adultos da Escola intervêm frequentemente para resolver a situação. Em relação aos colegas, este aluno considera que por vezes estes intervêm para resolver a situação de Bullying. 10.12.- Alunos que foram violentos fora da Escola no Ensino Secundário. O aluno que foi violento fora da Escola frequenta o 10.º ano de escolaridade, é do género masculino e tem 15 anos de idade. Durante o seu percurso escolar, nunca reprovou e sabe o que é a violência escolar; obteve informação sobre Bullying e Cyberbullying numa atividade de sensibilização ou Palestra. Em casa os pais já o informaram, também, sobre estas duas formas de violência. Este aluno, quando vê algum colega ser vítima de Bullying, sente muita pena e quer ajudar; este aluno foi também violento com alguém na Escola, chamando nomes ou batendo. Este aluno, quando é violento com alguém, não sente nada ou sente-se arrependido. Este aluno nunca foi vítima de Bullying nem de Cyberbullying.

Violência Escolar

Página 238


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Este aluno reconhece que em situações de Bullying, os professores e / ou adultos da Escola intervêm frequentemente para resolver a situação. Em relação aos colegas, este aluno considera que estes intervêm frequentemente para resolver a situação de Bullying.

Violência Escolar

Página 239


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Relação entre Violência na Escola e Fatores

Violência Escolar

Página 240


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

11.- Relação entre alunos que praticaram violência na Escola e Fatores. 11.1.- Fator "idade" no Ensino Básico. Dos 144 alunos do Ensino Básico que responderam a este ponto do inquérito, 8 (17,78%) dos que já foram violentos na Escola e 37 (82,22%) que nunca o foram têm 12 anos, 9 (18,37%) dos que já foram violentos na Escola e 40 (81,63%) que nunca o foram têm 13 anos, 6 (17,65%) dos que já foram violentos na Escola e 28 (82,35%) que nunca o foram têm 14 anos e 3 (18,75%) que já foram violentos na Escola e 13 (81,25%) que nunca o foram têm 15 anos. Idade

Idade

100,00%

40 30 20 10 0

50,00% 0,00% Sim

Sim

Não

Não 12

12

Idade

Idade

100,00%

40 30 20 10 0

50,00% 0,00% Sim

Sim

Não

Não 13

13

Idade

Idade

100,00%

30 20

50,00%

10

0,00%

0 Sim

Sim

Não

Não 14

14

Idade

Idade

100,00%

15 10

50,00%

5

0,00%

0 Sim

Não 15

Violência Escolar

Sim

Não 15

Página 241


Escola Secundária de Barcelinhos

12

Básico

Sim 8 17,78

N.º %

Ano Letivo 2017/2018

13 Não 37 82,22

Sim 9 18,37

14 Não 40 81,63

Sim 6 17,65

15 Não 28 82,35

Sim 3 18,75

Não 13 81,25

Dos 26 alunos do Ensino Básico que já foram violentos na Escola, 8 (30,77%) têm 12 anos, 9 (34,62%) têm 13 anos, 6 (23,08%) têm 14 anos e 3 (11,54%) têm 15 anos. Idade

Idade

10

19,00%

5

18,00%

0

17,00%

18,50% 17,50%

12

13

Básico N.º %

14

12

15

12 8 30,77

13 9 34,62

13

14

15

14 6 23,08

15 3 11,54

Neste nível de ensino, o fator idade não surge como elemento determinante para aqueles alunos que foram violentos na Escola. Pelo que se observa, são em maior número, por cada nível etário, os alunos que não foram violentos do que os que o foram. Regista-se, no entanto, que é ao nível dos alunos com 12 e 13 anos de idade onde surge o maior número de casos de alunos que já foram violentos na Escola. 11.2.- Fator "género" no Ensino Básico. Dos 144 alunos do Ensino Básico que responderam a este ponto do inquérito, 7 (8,86%) dos que já foram violentos na Escola e 72 (91,14%) que nunca o foram são do género feminino e 19 (29,23%) que nunca foram violentos na Escola e 46 (70,77%) que nunca o foram são do género masculino. Género

Género

100,00%

80 60 40 20 0

50,00% 0,00% Sim

Não Feminino

Violência Escolar

Sim

Não Feminino

Página 242


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Género

Género

80,00% 60,00% 40,00% 20,00% 0,00%

60 40 20

0 Sim

Sim

Não

Feminino

Básico

Sim 7 8,86

N.º %

Não Masculino

Masculino

Masculino Não 72 91,14

Sim 19 29,23

Não 46 70,77

Dos 26 alunos do Ensino Básico que já foram violentos na Escola, 7 (26,92%) são do género feminino e 19 (73,08%) são do género masculino. Género

Género

20

30,00%

15

20,00%

10

10,00%

5

0,00%

0 Feminino

Básico N.º %

Masculino

Feminino 7 26,92

Feminino

Masculino

Masculino 19 73,08

Neste nível de ensino, o fator género não surge como elemento determinante para aqueles alunos que foram violentos na Escola. Pelo que se observa, são em maior número, por cada género, os alunos que não praticaram este tipo de violência do que os que a praticaram. Regista-se, no entanto, que é ao nível do género masculino onde surge a maior parte dos casos de alunos que foram violentos na Escola. Poder-se-á, então, afirmar que o género masculino é mais suscetível a este fenómeno do que o feminino. 11.3.- Fator "ano de escolaridade" no Ensino Básico. Dos 144 alunos do Ensino Básico que responderam a este ponto do inquérito, 13 (19,70%) que já foram violentos na Escola e 53 (80,30%) que nunca o foram são do 7.º ano de escolaridade, 7 (15,91%) dos que já praticaram violência na Escola e 37 (84,09%) que nunca o foram são do 8.º ano de escolaridade e 6 (17,65%) que já foram violentos na Escola e 28 (82,35%) que nunca o foram são do 9.º ano de escolaridade.

Violência Escolar

Página 243


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Ano de escolaridade

Ano de escolaridade

100,00%

60 40

50,00%

20

0,00%

0 Sim

Sim

Não

Não 7.º

7.º

Ano de escolaridade

Ano de escolaridade

100,00%

40 30 20 10 0

50,00% 0,00% Sim

Sim

Não

Não 8.º

8.º

Ano de escolaridade

Ano de escolaridade

100,00%

30 20

50,00%

10

0,00%

0 Sim

Sim

Não

Básico N.º %

Não 9.º

9.º

7.º Sim 13 19,70

8.º Não 53 80,30

Sim 7 15,91

9.º Não 37 84,09

Sim 6 17,65

Não 28 82,35

Dos 26 alunos do Ensino Básico que já foram violentos na Escola, 13 (50,00%) são do 7.º ano de escolaridade, 7 (26,92%) são do 8.º ano de escolaridade e 6 (23,08%) são do 9.º ano de escolaridade. Ano de escolaridade

Ano de escolaridade

20,00%

15

15,00%

10

10,00%

5

5,00% 0,00%

0 7.º

Básico N.º %

8.º

7.º 13 50,00

Violência Escolar

7.º

9.º

8.º 7 26,92

8.º

9.º

9.º 6 23,08

Página 244


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Neste nível de ensino, o fator ano de escolaridade não surge como elemento determinante para aqueles alunos que foram violentos na Escola. Pelo que se observa, são em maior número, por cada ano de escolaridade, os alunos que não praticaram este tipo de violência do que os que a praticaram. Regista-se, no entanto, que é ao nível dos alunos do 7.º ano de escolaridade onde surge o maior número de casos de alunos que foram violentos na Escola. 11.4.- Fator "conhecimento da realidade do Bullying e/ou Cyberbullying" no Ensino Básico. Dos 26 alunos do Ensino Básico que já praticaram violência na Escola, todos afirmaram ter conhecimento da realidade do Bullying e/ou Cyberbullying; este conhecimento foi adquirido quer em atividades de Escola, quer no ambiente familiar, também etravés da Escola Segura, ou Associação de Pais e mesmo por outros meios. Básico Sim Não N.º 26 0 % 100,00 0,00 Esta observação permite afirmar, sem qualquer dúvida, que não é a falta de conhecimento da realidade do Bullying e/ou Cyberbullying, na sua definição, causas e consequências, que leva os alunos a serem violentos com os colegas. Já ouviste falar em Bullying e/ou em Ciberbullying?

Já ouviste falar em Bullying e/ou em Ciberbullying?

100,00%

30 20

50,00%

10

0,00%

0 Sim

Não

Conhecimento de Bullying e Ciberbullying

Sim

Não

Conhecimento de Bullying e Ciberbullying

11.5.- Fator "retenções" no Ensino Básico. Dos 26 alunos do Ensino Básico que já foram violentos na Escola, 5 deles (19,23%) já registaram retenções em anos letivos anteriores e 21 (80,77%) não registou qualquer retenção no percurso escolar. Desses 5 casos de retenção, 3 (60,00%) registam 1 situação ao longo da sua escolaridade e 2 (40,00%) registam 2 situações ao longo da sua escolaridade. Básico Sim Não N.º 5 21 % 19,23 80,77 Básico N.º %

Violência Escolar

1 vez 3 60,00

2 vezes 2 40,00

Página 245


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Esta observação permite afirmar, com algum grau de certeza, que não é o facto de os alunos terem sido retidos, ao longo do seu percurso escolar, que os leva a ser violentos com os colegas. Já alguma vez reprovaste?

Já alguma vez reprovaste?

100,00%

30 20

50,00%

10

0,00%

0 Sim

Sim

Não

Não Reprovação

Reprovação

Quantas vezes reprovaste?

Quantas vezes reprovaste?

3

60,00%

2

40,00%

1

20,00% 0,00%

0 1 vez

2 vezes

3 ou 4 vezes

1 vez

5 ou + vezes

2 vezes

3 ou 4 vezes

5 ou + vezes

11.6.- Fator "idade" no Ensino Secundário. Dos 290 alunos do Ensino Secundário que responderam a este ponto do inquérito, 18 (23,38%) dos que já foram violentos na Escola e 59 (76,62%) que nunca o foram têm 15 anos, 16 (17,98%) dos que já foram violentos na Escola e 73 (82,02%) que nunca o foram têm 16 anos, 9 (9,47%) dos que já foram violentos na Escola e 86 (90,53%) que nunca o foram têm 17 anos, 6 (26,09%) dos que já foram violentos na Escola e 17 (73,91%) que nunca o foram têm 18 anos e 6 (100,00%) dos que ainda não foram violentos na Escola têm 19 anos. Idade

Idade

80,00% 60,00% 40,00% 20,00% 0,00%

60 40 20 0 Sim

Não

15

Violência Escolar

Sim

Não

15

Página 246


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Idade

Idade

100,00%

80 60 40 20 0

50,00% 0,00% Sim

Sim

Não

Não 16

16

Idade

Idade

100

100,00%

50

50,00% 0,00%

0 Sim

Sim

Não

Não 17

17

Idade

Idade

80,00% 60,00% 40,00% 20,00% 0,00%

20 15 10 5 0

Sim

Sim

Não

Não

18

18

Idade

Idade

100,00%

6

4

50,00%

2

0,00%

0 Sim

Sim

Não

Não 19

19

Secundário N.º %

15 Sim

16 Não

Sim

17 Não

Sim

18 Não

Sim

19 Não

Sim

Não

18

59

16

73

9

86

6

17

0

6

23,38

76,62

17,98

82,02

9,47

90,53

26,09

73,91

0,00

100,00

Dos 49 alunos do Ensino Secundário que já foram violentos na Escola, 18 (36,73%) têm 15 anos, 16 (32,65%) têm 16 anos, 9 (18,37%) têm 17 anos e 6 (12,24%) têm 18 anos.

Violência Escolar

Página 247


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Idade

Idade

30,00% 25,00% 20,00% 15,00% 10,00% 5,00% 0,00%

20 15 10 5

0 15

16

Secundário N.º %

17

18

15

19

15 18 36,73

16 16 32,65

16

17

18

17 9 18,37

19

18 6 12,24

Neste nível de ensino, o fator idade não surge como elemento determinante para aqueles alunos que já foram violentos na Escola. Pelo que se observa, são em maior número, por cada nível etário, os alunos que nunca praticaram este tipo de violência do que os que o fizeram. Regista-se, no entanto, que é ao nível dos alunos com 15 anos de idade onde surge o maior número de alunos que foram violentos na Escola. 11.7.- Fator "género" no Ensino Secundário. Dos 290 alunos do Ensino Secundário que responderam a este ponto do inquérito, 13 (9,09%) dos que já foram violentos na Escola e 130 (90,91%) que nunca o foram são do género feminino e 36 (24,49%) dos que já foram violentos na Escola e 111 (75,51%) que nunca o foram são do género masculino. Género

Género

100,00%

150 100

50,00%

50

0,00%

0 Sim

Sim

Não

Não Feminino

Feminino

Género

Género

80,00% 60,00% 40,00% 20,00% 0,00%

150 100 50 0 Sim

Sim

Não

Secundário N.º %

Não Masculino

Masculino

Feminino Sim 13 9,09

Violência Escolar

Masculino Não 130 90,91

Sim 36 24,49

Não 111 75,51 Página 248


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Dos 49 alunos do Ensino Secundário que já foram violentos na Escola, 13 (26,53%) são do género feminino e 36 (73,47%) são do género masculino. Género

Género

40

30,00%

30

20,00%

20

10,00%

10

0,00%

0 Feminino

Feminino

Masculino

Secundário N.º %

Masculino

Feminino 13 26,53

Masculino 36 73,47

Verifica-se, pelos dados recolhidos, que o maior número de alunos que praticaram violência na Escola são do género masculino; este facto poderá indicar que são os alunos do género masculino os mais violentos no ambiente escolar. 11.8.- Fator "ano de escolaridade" no Ensino Secundário. Dos 290 alunos do Ensino Secundário que responderam a este ponto do inquérito, 29 (25,00%) dos que já foram violentos na Escola e 87 (75,00%) que nunca o foram são do 10.º ano de escolaridade, 8 (13,11%) dos que já foram violentos na Escola e 53 (86,89%) que nunca o foram são do 11.º ano de escolaridade e 12 (10,62%) dos que já foram violentos na Escola e 101 (89,38%) que nunca o foram são do 12.º ano de escolaridade. Ano de escolaridade

Ano de escolaridade

80,00% 60,00% 40,00% 20,00% 0,00%

100 50 0 Sim

Sim

Não

Não 10.º

10.º

Ano de escolaridade

Ano de escolaridade

100,00%

60 40

50,00%

20

0,00%

0 Sim

Não 11.º

Violência Escolar

Sim

Não 11.º

Página 249


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Ano de escolaridade

Ano de escolaridade

100,00%

150 100

50,00%

50

0,00%

0 Sim

Sim

Não

Secundário N.º %

Não 12.º

12.º

10.º Sim 29 25,00

11.º Não 87 75,00

Sim 8 13,11

12.º Não 53 86,89

Sim 12 10,62

Não 101 89,38

Dos 49 alunos do Ensino Secundário que já foram violentos na Escola, 29 (59,18%) são do 10.º ano de escolaridade, 8 (16,33%) são do 11.º ano de escolaridade e 12 (24,49%) são do 12.º ano de escolaridade. Ano de escolaridade

Ano de escolaridade

30

25,00%

25

20,00%

20

15,00%

15

10,00%

10 5

5,00%

0

0,00%

10.º

11.º

Secundário N.º %

10.º

12.º

10.º 29 59,18

11.º 8 16,33

11.º

12.º

12.º 12 24,49

Neste nível de ensino, o fator ano de escolaridade não surge como elemento determinante para aqueles alunos que praticaram violência na Escola. Pelo que se observa, são em maior número, por cada ano de escolaridade, os alunos que não praticaram este tipo de violência do que os que o fizeram. Regista-se, no entanto, que é ao nível do 10.º ano de escolaridade onde surge o maior número de alunos que foram violentos na Escola. 11.9.- Fator "conhecimento da realidade do Bullying " no Ensino Secundário. Dos 49 alunos do Ensino Secundário que já foram violentos na Escola, todos afirmaram ter conhecimento da realidade do Bullying e/ou Cyberbullying; este conhecimento foi adquirido quer em atividades de Escola, quer no ambiente familiar, também etravés da Escola Segura, ou Associação de Pais e mesmo por outros meios.

Violência Escolar

Página 250


Escola Secundária de Barcelinhos

Secundário N.º %

Ano Letivo 2017/2018

Sim 49 100,00

Não 0 0,00

Esta observação permite afirmar, sem qualquer dúvida, que não é a falta de conhecimento da realidade do Bullying e/ou Cyberbullying, na sua definição, causas e consequências, que leva os alunos a serem violentos com os colegas. Já ouviste falar em Bullying e/ou em Ciberbullying?

Já ouviste falar em Bullying e/ou em Ciberbullying?

100,00%

60 40

50,00%

20

0,00%

0 Sim

Sim

Não

Não

Conhecimento de Bullying e Ciberbullying

Conhecimento de Bullying e Ciberbullying

11.10.- Fator "retenções" no Ensino Secundário. Dos 49 alunos do Ensino Secundário que que já foram violentos na Escola, 11 (22,45%) registaram retenções em anos letivos anteriores e 38 (76,60%) nunca ficaram retidos. Secundário N.º %

Sim 11 22,45

Secundário N.º %

1 vez 9 90,00

Não 38 76,60 2 vezes 0 0,00

3 ou 4 vezes 1 10,00

Dos 11 alunos que apresentam já retenções ao longo do seu percurso escolar, 9 (90,00%) registam 1 única retenção e 1 (10,00%) regista 3 ou 4 retenções. 1 aluno não indicou este dado. Já alguma vez reprovaste?

Já alguma vez reprovaste?

80,00% 60,00% 40,00% 20,00% 0,00%

40 30 20 10 0 Sim

Não Reprovação

Violência Escolar

Sim

Não Reprovação

Página 251


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Quantas vezes reprovaste?

Quantas vezes reprovaste?

10

100,00%

5

50,00% 0,00%

0 1 vez

2 vezes

3 ou 4 vezes

5 ou + vezes

1 vez

2 vezes

3 ou 4 vezes

5 ou + vezes

Apesar de este não ser um dos fatores determinantes na prática de violência na Escola, há um elevado número de alunos com retenções que já foram violentos na instituição escolar.

11.11.- Caracterização do aluno que foi violento na Escola no Ensino Básico. O aluno que foi violento na Escola frequenta o 7.º ano de escolaridade, é do género masculino e tem 13 anos de idade. Durante o seu percurso escolar, nunca reprovou e sabe o que é a violência escolar; obteve informação sobre Bullying e Cyberbullying numa atividade de sensibilização ou Palestra. Em casa os pais já o informaram, também, sobre estas duas formas de violência. Este aluno, quando vê algum colega ser vítima de Bullying, sente muita pena e quer ajudar; este aluno foi também violento com alguém fora da Escola, chamando nomes. Este aluno, quando é violento com alguém, sente-se arrependido. Este aluno nunca foi vítima de Bullying nem de Cyberbullying. Este aluno reconhece que em situações de Bullying, os professores e / ou adultos da Escola intervêm por vezes para resolver a situação. Em relação aos colegas, este aluno considera que por vezes estes intervêm para resolver a situação de Bullying. 11.12.- Caracterização do aluno que foi violento na Escola no Ensino Secundário. O aluno que foi violento na Escola frequenta o 10.º ano de escolaridade, é do género masculino e tem 15 anos de idade. Durante o seu percurso escolar, nunca reprovou e sabe o que é a violência escolar; obteve informação sobre Bullying e Cyberbullying numa atividade de sensibilização ou Palestra. Em casa os pais já o informaram, também, sobre estas duas formas de violência. Este aluno, quando vê algum colega ser vítima de Bullying, sente revolta e ajuda a vítima a defender-se; este aluno foi também violento com alguém fora da Escola, batendo. Este aluno, quando é violento com alguém, sente-se arrependido. Este aluno nunca foi vítima de Bullying nem de Cyberbullying. Este aluno reconhece que em situações de Bullying, os professores e / ou adultos da Escola intervêm sempre, frequentemente ou por vezes para resolver a situação. Em relação aos colegas, este aluno considera que estes intervêm frequentemente para resolver a situação de Bullying.

Violência Escolar

Página 252


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Momento em que os alunos foram vítimas de Bullying e Cyberbullying

Violência Escolar

Página 253


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

12.- Alunos vítimas de Bullying. 12.1.- Ensino Básico. No Ensino Básico, dos 20 alunos que foram vítimas de Bullying, 7 (35,00%) sofreram essa realidade no 1.º Ciclo, 1 (5,00%) sofreu essa realidade nos 1.º e 2.º Ciclos, 7 (35,00%) sofreu essa realidade no 2.º Ciclo, 2 (20,00%) sofreram essa realidade nos 2.º e 3.º Ciclos e 3 (15,00%) sofreram essa realidade no 3.º Ciclo. Em que altura foste vítima de Bullying?

Em que altura foste vítima de Bullying?

8

40,00%

6

30,00%

4

20,00%

2

10,00% 0,00%

0

2.º 1.º

1.º

2.º

3.º 2.º

2.º

1.º Ciclo N.º %

7 35,00

1.º

3.º

1.º Ciclo 2.º Ciclo 1 5,00

3.º

1.º

2.º Ciclo 7 35,00

2.º

2.º

2.º Ciclo 3.º Ciclo 2 10,00

3.º

3.º Ciclo 3 15,00

Podemos concluir que o 1.º e o 2.º Ciclos são os níveis de escolaridade em que os alunos registaram mais situações de Bullying. Estando os alunos inquiridos a frequentar o 3.º Ciclo, poderemos afirmar que de todas as situações verificadas, unicamente 5 (25,00%) corresponderão a casos acontecidos na nossa Escola; todas as restantes situações serão atribuíveis a estabelecimentos de ensino frequentados em anos anteriores. 12.2.- Ensino Secundário. No Ensino Secundário, dos 49 alunos que foram vítimas de Bullying, 9 (18,37%) sofreram essa realidade no 1.º Ciclo, 5 (10,20%) sofreram essa realidade nos 1.º e 2.º Ciclos, 1 (2,04%) sofreu essa realidade no 1.º Ciclo e no Secundário, 17 (34,69%) sofreram essa realidade no 2.º Ciclo, 2 (4,08%) sofreram essa realidade nos 2.º e 3.º Ciclos, 12 (24,49%) sofreram essa realidade no 3.º Ciclo, 2 (4,08%) sofreram essa realidade no Ensino Secundário e 1 (2,04%) não respondeu. Em que altura foste vítima de Bullying?

Em que altura foste vítima de Bullying? 35,00%

18 16 14 12 10 8 6 4 2 0

30,00% 25,00%

20,00% 15,00%

10,00% 5,00%

0,00% 2.º Ciclo Secundário

1.º Ciclo

1.º Ciclo

1.º Ciclo

2.º Ciclo Secundário

3.º Ciclo

2.º Ciclo

2.º Ciclo

Violência Escolar

3.º Ciclo SecundárioNão Respondeu

1.º Ciclo

1.º Ciclo

1.º Ciclo

3.º Ciclo 2.º Ciclo 2.º Ciclo 3.º Ciclo Secundário Não Respondeu

Página 254


Escola Secundária de Barcelinhos

1.º Ciclo N.º %

9 18,37

Ano Letivo 2017/2018

1.º 2.º 1.º Ciclo Ciclo Ciclo 2.º 3.º Secundário Ciclo Ciclo 2.º 3.º Secundário Ciclo Ciclo 5 1 17 2 12 2 10,20 2,04 34,69 4,08 24,49 4,08

N/R 1 2,04

Podemos concluir que o 1.º e o 2.º Ciclos são os níveis de escolaridade em que os alunos registaram mais situações de Bullying. Estando os alunos inquiridos a frequentar o Ensino Secundário, poderemos afirmar que de todas as situações verificadas, 17 (34,69%) corresponderão a casos acontecidos, potencialmente, na nossa Escola; se considerarmos a possibilidade de os alunos terem ingressado na nossa Escola no Ensino Secundário, então teremos 3 (6,12%) casos de alunos que sofreram esta realidade na nossa Escola. Todas as restantes situações serão atribuíveis a estabelecimentos de ensino frequentados em anos anteriores. 13.- Alunos vítimas de Cyberbullying. 13.1.- Ensino Básico. No Ensino Básico, dos 2 alunos que foram vítimas de Ciberullying, 1 (50,00%) sofreu essa realidade no 1.º Ciclo e 1 (50,00%) sofreu essa realidade no 2.º Ciclo. Em que altura foste vítima de Ciberbullying?

Em que altura foste vítima de Ciberbullying?

60,00%

1

40,00% 0,5

20,00% 0,00%

0 1.º Ciclo

N.º %

1.º Ciclo

2.º Ciclo

1.º Ciclo 1 50,00

2.º Ciclo

2.º Ciclo 1 50,00

Podemos concluir que o 1.º e o 2.º Ciclos são os níveis de escolaridade em que os alunos registaram mais situações de Cyberbullying. Estando os alunos inquiridos a frequentar o 3.º Ciclo, podemos afirmar que todas as situações verificadas correspondem a casos acontecidos em estabelecimentos de ensino frequentados em anos anteriores. 13.2.- Ensino Secundário. No Ensino Secundário, dos 7 alunos que foram vítimas de Ciberullying, 2 (28,57%) sofreram essa realidade no 2.º Ciclo, 1 (14,29%) sofreu essa realidade no 3.º Ciclo e 4 (57,14%) sofreram essa realidade no Secundário.

Violência Escolar

Página 255


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Em que altura foste vítima de Ciberbullying?

Em que altura foste vítima de Ciberbullying?

4

60,00%

3,5

50,00%

3

40,00%

2,5

30,00%

2 1,5

20,00%

1

10,00%

0,5

0,00%

0 2.º Ciclo

3.º Ciclo

N.º %

Secundário

2.º Ciclo

3.º Ciclo

Secundário

2.º Ciclo

3.º Ciclo

Secundário

2 28,57

1 14,29

4 57,14

Podemos concluir que o Secundário é o nível de escolaridade em que os alunos registaram mais situações de Cyberbullying. Estando os alunos inquiridos a frequentar o Ensino Secundário, podemos afirmar que a maior parte das situações se verificou na nossa Escola.

Violência Escolar

Página 256


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Comunicação dos pais com a Escola

Violência Escolar

Página 257


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

14.- Comunicação dos pais com a Escola em situações de violência escolar. 14.1.- Ensino Básico. No Ensino Básico, dos 20 alunos que foram vítimas de Bullying, em 6 casos (30,00%) os pais dirigiram-se 1 vez à Escola, em 4 casos (20,00%) os pais dirigiram-se várias vezes à Escola, em 9 casos (45,00%) os pais não se dirigiram à Escola. 1 aluno (5,00%) não indicou este dado. Quando foste vítima de Bullying os teus pais contactaram a escola?

Quando foste vítima de Bullying os teus pais contactaram a escola?

60,00%

10

40,00%

5

20,00%

0,00%

0 Sim, uma vez

N.º %

Sim, várias vezes

Não

Sim, uma vez

N/R

1 vez 6 30,00

Várias vezes 4 20,00

Sim, várias vezes

Não 9 45,00

Não

N/R

N/R 1 5,00

Dos 2 alunos que foram vítimas de Cyberbullying, em 1 caso (50,00%) os pais dirigiram- -se 1 vez à Escola e em 1 caso (50,00%) os pais não se dirigiram à Escola. Quando foste vítima de Ciberbullying os teus pais contactaram a escola?

Quando foste vítima de Ciberbullying os teus pais contactaram a escola?

50,00%

1 0,8

40,00%

0,6

30,00%

0,4

20,00%

0,2

10,00% 0,00%

0 Sim, uma vez

Sim, várias vezes

N.º %

Não

1 vez 0 0,00

Sim, uma vez

Várias vezes 1 50,00

Sim, várias vezes

Não

Não 1 50,00

Podemos concluir que no Ensino Básico, muitas das vezes os pais não contactam a Escola sempre que se verifica uma situação de violência escolar para com o seu educando. 14.2.- Ensino Secundário. No Ensino Secundário, dos 49 alunos que foram vítimas de Cyberbullying, em 7 casos (14,29%) os pais dirigiram-se 1 vez à Escola, em 15 casos (30,61%) os pais dirigiram-se várias vezes à Escola e em 23 casos (46,49%) os pais não se dirigiram à Escola.

Violência Escolar

Página 258


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Quando foste vítima de Bullying os teus pais contactaram a escola?

Quando foste vítima de Bullying os teus pais contactaram a escola? 50,00%

25

20

40,00%

15

30,00%

10

20,00%

5

10,00% 0,00%

0 Sim, uma vez

N.º %

Sim, várias vezes

Não

Sim, uma vez

N/R

1 vez 7 14,29

Várias vezes 15 30,61

Sim, várias vezes

Não 23 46,94

Não

N/R

N/R 4 8,16

Dos 7 alunos que foram vítimas de Cyberbullying, em 1 caso (14,29,00%) os pais dirigiram- -se 1 vez à Escola, em 2 casos (28,57%) os pais dirigiram-se várias vezes à Escola e em 4 casos (57,14%) os pais não se dirigiram à Escola. Quando foste vítima de Ciberbullying os teus pais contactaram a escola?

Quando foste vítima de Ciberbullying os teus pais contactaram a escola? 60,00%

4 3,5 3 2,5 2 1,5 1 0,5 0

50,00% 40,00% 30,00%

20,00% 10,00% 0,00% Sim, uma vez

Sim, várias vezes

N.º %

Não

1 vez 1 14,29

Sim, uma vez

Várias vezes 2 28,57

Sim, várias vezes

Não

Não 4 57,14

Podemos concluir que no Ensino Secundário, na maior parte das vezes os pais não contactam a Escola sempre que se verifica uma situação de violência escolar para com o seu educando.

Violência Escolar

Página 259


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Situações preocupantes

Violência Escolar

Página 260


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Da leitura dos dados recolhidos dos inquéritos, pode ser elaborada uma lista de problemas ou questões importantes que carecem de atenção. Enumeram-se essas mesmas situações: 1. Existência de 69 alunos (20 do Ensino Básico e 49 do Ensino Secundário) que já sofreram Bullying ao longo do seu percurso escolar. 2. Existência de 9 alunos (2 do Ensino Básico e 7 do Ensino Secundário) que já sofreram Cyberbullying ao longo do seu percurso escolar. 3. Existência de 8 alunos (2 do Ensino Básico e 6 do Ensino Secundário) que não ouviram falar de Bullying e/ou Cyberbullying na Escola. 4. Existência de 84 alunos (17 do Ensino Básico e 67 do Ensino Secundário) que, em família, nunca falaram destas realidades do Bullying e/ou Cyberbullying. 5. Existência de 24 alunos (6 do Ensino Básico e 18 do Ensino Secundário) que, tendo sido vítimas de Bullying, guardaram essa experiência para si e não falaram com ninguém. 6. Existência de 34 alunos (10 do Ensino Básico e 24 do Ensino Secundário) que, tendo sido vítimas de Bullying, os pais nunca se dirigiram à Escola para falar do assunto ou ter informação sobre o mesmo. 7. Existência de 2 alunos do Ensino Secundário que, tendo sido vítimas de Cyberbullying, guardaram essa experiência para si e não falaram com ninguém. 8. Existência de 5 alunos (1 do Ensino Básico e 4 do Ensino Secundário) que, tendo sido vítimas de Cyberbullying, os pais nunca se dirigiram à Escola para falar do assunto ou ter informação sobre o mesmo. 9. Existência de 51 alunos (19 do Ensino Básico e 32 do Ensino Secundário) que não vêm nos professores ou nos adultos da Escola elementos de proteção, pois estes não separam os alunos sempre que há situações de Bullying. 10. Existência de 10 alunos (4 do Ensino Básico e 6 do Ensino Secundário) que não vêm nos colegas da Escola elementos de proteção, pois estes não separam os alunos sempre que há situações de Bullying. 11. Existência de 14 situações (6 no Ensino Básico e 8 no Ensino Secundário) que quando vêm um colega a ser vítima de Bullying, sentem que esse colega talvez tenha feito alguma coisa para merecer estar naquela situação. 12. Existência de 6 situações (1 no Ensino Básico e 5 no Ensino Secundário) que quando vêm um colega a ser vítima de Bullying, não sentem nada. 13. Existência de 27 situações (11 no Ensino Básico e 16 no Ensino Secundário) que quando vêm um colega a ser vítima de Bullying, sentem um pouco de pena. 14. Existência de unicamente 220 casos (55 no Ensino Básico e 165 no Ensino Secundário) que vendo um colega ser vítima de Bullying, o ajudam a defenderse. 15. Existência de 68 alunos (21 do Ensino Básico e 47 do Ensino Secundário) que já foram violentos com alguém fora da Escola. 16. Existência de 17 alunos (5 do Ensino Básico e 12 do Ensino Secundário) que tendo sido violento com um colega fora da Escola, se sentiu bem com o seu comportamento.

Violência Escolar

Página 261


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

17. Existência de 20 alunos (2 do Ensino Básico e 18 do Ensino Secundário) que tendo sido violento com um colega fora da Escola, não sentiu nada. 18. Existência de 29 alunos (9 do Ensino Básico e 20 do Ensino Secundário) que tendo sido violento com um colega fora da Escola, não falou com ninguém sobre essa sua atuação. 19. Existência de 4 situações (2 no Ensino Básico e 2 no Ensino Secundário) em que tendo o aluno dito que tinha sido violento com alguém fora da Escola, recebeu como resposta um "Continua, porque isso é normal". 20. Existência de 6 situações (2 no Ensino Básico e 4 no Ensino Secundário) em que tendo o aluno dito que tinha sido violento com alguém fora da Escola, recebeu como resposta a indiferença da outra parte. 21. Existência de 13 situações (5 no Ensino Básico e 8 no Ensino Secundário) em que tendo o aluno dito que tinha sido violento com alguém fora da Escola, recebeu como resposta "Não voltes a fazer isso", sem qualquer explicação para o facto de ter tido um comportamento incorreto. 22. Existência de 9 alunos (4 do Ensino Básico e 5 do Ensino Secundário) que foram violentos com alguém fora da Escola por se terem juntado a outros colegas, por lhe terem dito que era normal ou por o terem ameaçado de lhe baterem se não o fizesse. 23. Existência de 75 alunos (26 do Ensino Básico e 49 do Ensino Secundário) que já foram violentos com alguém na Escola. 24. Existência de 13 alunos (5 do Ensino Básico e 8 do Ensino Secundário) que tendo sido violento com um colega na Escola, se sentiu bem com o seu comportamento. 25. Existência de 20 alunos (6 do Ensino Básico e 14 do Ensino Secundário) que tendo sido violento com um colega na Escola, não sentiu nada. 26. Existência de 28 alunos (9 do Ensino Básico e 19 do Ensino Secundário) que tendo sido violento com um colega na Escola, não falou com ninguém sobre essa sua atuação. 27. Existência de 5 situações (2 no Ensino Básico e 3 no Ensino Secundário) em que tendo o aluno dito que tinha sido violento com alguém na Escola, recebeu como resposta um "Continua, porque isso é normal". 28. Existência de 5 situações (1 no Ensino Básico e 4 no Ensino Secundário) em que tendo o aluno dito que tinha sido violento com alguém na Escola, recebeu como resposta a indiferença da outra parte. 29. Existência de 18 situações (8 no Ensino Básico e 10 no Ensino Secundário) em que tendo o aluno dito que tinha sido violento com alguém na Escola, recebeu como resposta "Não voltes a fazer isso", sem qualquer explicação para o facto de ter tido um comportamento incorreto. 30. Existência de 7 alunos (3 do Ensino Básico e 4 do Ensino Secundário) que foram violentos com alguém na Escola por se terem juntado a outros colegas, por lhe terem dito que tinha de o fazer para serem amigos, que era só uma vez, ou por o terem ameaçado de lhe baterem se não o fizesse. Todas estas observações devem ser alvo de estudo, na medida em que da sua análise e correção, poderá depender a diminuição ou mesmo o desaparecimento destas situações preocupantes no futuro. Violência Escolar

Página 262


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

A necessidade de os alunos tomarem consciência e participação ativa na resolução destas questões é muito importante, pois são eles quem está na linha da frente para a erradicação da violência escolar em ambiente escolar.

Violência Escolar

Página 263


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Referências bibliográficas ABRAMOVAY, Mirian & RUA, Maria das Graças. Violências nas escolas. Brasília: UNESCO, Instituto Ayrton Senna, Unaids, Banco Mundial, Fundação Forde, Consed, Undime. 2002. CAMACHO, Luiza M. Y. As sutilezas das faces da violência nas práticas escolares adolescentes. Educação e Pesquisa, São Paulo. 2001. CHARLOT, Bernard. A violência na escola: como os sociólogos franceses abordam essa questão. 2002. CHAUÍ, Marilena. Convite à Filosofia. 12.ª ed. São Paulo: Ática, 2000. DEBARBIEUX, Éric. "Violências nas escolas": divergências sobre palavras e um desafio político. 2002. FERREIRA, A. B. H. Novo dicionário da língua portuguesa. Rio de Janeiro: Nova Fronteira 1986. GUIMARÃES, Eloísa. Cotidiano escolar e violência. Violência e educação. São Paulo: Cortez. 1992. MICHAUD, Yves. A violência. São Paulo: Ed. Ática. 1989. MINAYO, Maria Cecília de Souza & ASSIS, Simone Gonçales. Saúde e violência na infância e na adolescência. 1994. PIVA, M. & SAYAD Abdelmalek. Alta tensão. Educação, São Paulo. 2000. RISTUM, Marilena & BASTOS, A. C. de S. Violência urbana: uma análise dos conceitos de professores do ensino fundamental. 2004. SPOSITO, Marília. Pontes. Um breve balanço da pesquisa sobre violência escolar no Brasil.Rev. 2001. WAISELFISZ, Julio & MACIEL, Maria. Revertendo violências, semeando futuros: avaliação do Programa Abrindo Espaços no Rio de Janeiro e em Pernambuco. Brasília: Unesco. 2003.

Violência Escolar

Página 264


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

O Inquérito

Violência Escolar

Página 265


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Este questionário é estritamente confidencial. Destina-se a realizar um estudo de situações relativas à escola. Tem autorização do Diretor da escola e no final serão publicados os resultados do estudo para conhecimento da comunidade. Responde a todas as questões de forma sincera e com o maior cuidado. Obrigado pela tua participação.

Inquérito 1- Qual é a tua idade?

anos

2- És rapariga ou rapaz? Rapariga Rapaz 3- Em que ano estás? 7.º

Regular

8.º

Profissional

9.º

CEF

10.º 11.º 12.º 4- Já alguma vez reprovaste? Sim Não

(passa à pergunta 6)

5- Quantas vezes reprovaste? Uma vez Duas Vezes Três ou quatro vezes Cinco ou mais vezes

Violência Escolar

Página 266


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

6- Já ouviste falar em Bullying e/ou em Cyberbullying? Sim, do Bullying

Sim, do Cyberbullying

Sim, de ambos

Não

7- Na tua escola alguém já te informou sobre o Bullying e/ou o Cyberbullying? Sim, sobre o Bullying Sim, sobre ambos Sim, sobre o Cyberbullying Não

(passa à pergunta 9)

8- Quem te informou sobre o Bullying e/ou o Cyberbullying na tua escola? Professor / a Atividade de sensibilização / Palestra Escola Segura Associação de Pais Outro 9- Em casa os teus pais já te falaram sobre o Bullying e/ou o Cyberbullying? Sim, sobre o Bullying

Sim, sobre o Cyberbullying

Sim, sobre ambos

Não

10- Alguma vez foste vítima de Bullying? Sim Não

(passa à pergunta 17)

11- Em que altura foste vítima de Bullying? 1.º Ciclo 2.º Ciclo 3.º Ciclo Secundário

Violência Escolar

Página 267


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

12- Foste vítima de Bullying na escola nos últimos seis meses? Não

(passa à pergunta 14)

Sim, uma ou duas vezes Sim, duas ou três vezes por mês Sim, todas as semanas Sim, todos os dias 13- Quanto tempo durou essa situação? Uma ou duas semanas Um mês Vários meses Um ano Vários anos 14- Disseste alguma vez a alguém que foste vítima de Bullying? Sim Não

(passa à pergunta 16)

15- A quem contaste? Professora / Professor Outro adulto da escola que não a professora ou o professor Mãe e / ou Pai Irmã e / ou Irmão Amiga e / ou Amigo Familiar adulto Outra pessoa 16- Quando foste vítima de Bullying os teus pais contactaram a escola? Sim, uma vez Sim, várias vezes Não

Violência Escolar

Página 268


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

17- Alguma vez foste vítima de Cyberbullying? Sim Não

(passa à pergunta 24)

18- Em que altura foste vítima de Cyberbullying? 1.º Ciclo 2.º Ciclo 3.º Ciclo Secundário 19- Foste vítima de Cyberbullying na escola nos últimos dois meses? Não

(passa à pergunta 21)

Sim, uma ou duas vezes Sim, duas ou três vezes por mês Sim, todas as semanas Sim, todos os dias 20- Quanto tempo durou essa situação? Uma ou duas semanas Um mês Vários meses Um ano Vários anos 21- Disseste alguma vez a alguém que foste vítima de Cyberbullying? Sim Não

(passa à pergunta 23)

22- A quem contaste? Professora / Professor Outro adulto da escola que não a professora ou o professor Mãe e / ou Pai Violência Escolar

Página 269


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Irmã e / ou Irmão Amiga e / ou Amigo Familiar adulto Outra pessoa 23- Quando foste vítima de Cyberbullying os teus pais contactaram a escola? Sim, uma vez Sim, várias vezes Não 24- Os professores e / ou os adultos da escola separam os alunos quando há situações de Bullying? Sempre Frequentemente Por vezes Quase nunca Nunca 25- Os alunos ajudam outros alunos vítimas de Bullying? Sempre Frequentemente Por vezes Quase nunca Nunca 26- O que sentes quando vês uma / um colega a ser vítima de Bullying? Sinto que essa pessoa talvez tenha feito alguma coisa para merecer Não sinto nada Sinto um pouco de pena Sinto muita pena e quero ajudar Sinto-me revoltada / o, mas não ajudo Sinto-me revoltada / o e ajudo a vítima a defender-se Violência Escolar

Página 270


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

27- Já alguma vez foste violento com alguém fora da Escola? Sim Não

(passa à pergunta 36)

28- Quantas vezes aconteceu essa situação de violência? Uma ou duas vezes Duas ou três vezes Três ou quatro vezes Muitas vezes 29- De que forma foste violento com essa pessoa? Chamei-lhe nomes Assustei-o e meti-lhe medo Tirei-lhe coisas dele Bati-lhe Ignorei-o e não lhe falei Outra forma 30- O que sentiste quando foste violento com essa pessoa? Senti-me bem Não senti nada Senti-me mal Senti-me arrependido 31- Contaste a alguém sobre teres sido violento? Sim Não

(passa à pergunta 34)

32- A quem contaste? Mãe e / ou Pai Irmã e / ou Irmão

Violência Escolar

Página 271


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Amiga e / ou Amigo Familiar adulto Outra pessoa 33- O que te disse essa pessoa a quem contaste? Disse-me para continuar, porque era normal Não ligou ao que eu disse Disse-me para não voltar a fazer o mesmo Disse-me que tinha feito mal e explicou porquê 34- Quando foste violento com outra pessoa fora da Escola , isso aconteceu por te juntares a outros colegas? Sim Não

(passa à pergunta 36)

35- O que te disseram esses colegas para seres violento? Disseram que era normal Disseram que tinha de participar para sermos amigos Disseram que era só uma vez Disseram que já era normal fazerem aquilo Disseram que se não o fizesse me batiam a mim Não disseram nada. Fui porque me apeteceu 36- Já alguma vez foste violento com alguém na Escola? Sim Não

(passa à pergunta 45)

37- Quantas vezes aconteceu essa situação de violência? Uma ou duas vezes Duas ou três vezes Três ou quatro vezes Muitas vezes

Violência Escolar

Página 272


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

38- De que forma foste violento com essa pessoa? Chamei-lhe nomes Assustei-o e meti-lhe medo Tirei-lhe coisas dele Bati-lhe Ignorei-o e não lhe falei Outra forma 39- O que sentiste quando foste violento com essa pessoa? Senti-me bem Não senti nada Senti-me mal Senti-me arrependido 40- Contaste a alguém sobre teres sido violento? Sim Não

(passa à pergunta 43)

41- A quem contaste? Professora / Professor Outro adulto da escola que não a professora ou o professor Mãe e / ou Pai Irmã e / ou Irmão Amiga e / ou Amigo Familiar adulto Outra pessoa 42- O que te disse essa pessoa a quem contaste? Disse-me para continuar, porque era normal Não ligou ao que eu disse Disse-me para não voltar a fazer o mesmo Disse-me que tinha feito mal e explicou porquê Violência Escolar

Página 273


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

43- Quando foste violento com outra pessoa na Escola , isso aconteceu por te juntares a outros colegas? Sim Não

(passa à pergunta 45)

44- O que te disseram esses colegas para seres violento? Disseram que era normal Disseram que tinha de participar para sermos amigos Disseram que era só uma vez Disseram que já era normal fazerem aquilo Disseram que se não o fizesse me batiam a mim Não disseram nada. Fui porque me apeteceu 45- Se desenvolvessem, na Escola, uma campanha contra a violência, estarias disposta (o) a participar? Sim Não

Obrigado pela tua participação! Os alunos do 7.º ano turma B

Violência Escolar

Página 274


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Índice I- Historial, contextualização geográfica e social ........................................................... 1 II- Conceituação de "violência escolar": revisão teórica ................................................2 III- Conceito e características dos comportamentos violentos .................................... 4 IV- Bullying ........................................................................................................................ 5 a- Conceito de Bullying ............................................................................................... 5 b- Causas do Bullying................................................................................................... 6 c- Consequências do Bullying ......................................................................................7 d- Sinais de alerta ........................................................................................................ 8 e- Sugestão de medidas para intervenção ................................................................ 9 f- Alvos de Bullying ..................................................................................................... 10 V- Cyberbullying ................................................................................................................11 a- Conceito de Cyberbullying ...................................................................................... 11 b- Causas do Cyberbullying ........................................................................................ 12 c- Consequências do Cyberbullying ........................................................................... 13 d- Como evitar o Cyberbullying .................................................................................. 13 e- Alvos de Cyberbullying ........................................................................................... 14 VI- Denúncia .................................................................................................................... 15 Caracterização da amostra ............................................................................................ 16 1.- Total de alunos inquiridos. ......................................................................................... 17 1.1. - Por idade. ............................................................................................................. 17 1.2. - Por género. ......................................................................................................... 18 1.3. - Por ano de escolaridade..................................................................................... 19 2.- Situação dos alunos inquiridos. ................................................................................ 21 2.1. - Por número de retenções. ................................................................................. 21 Dados do inquérito .........................................................................................................23 3.- As questões do inquérito. ........................................................................................ 24 3.1.- Já ouviste falar de Bullying e/ou Cyberbullying?............................................... 24 3.2.- Na tua escola alguém já te informou sobre o Bullying e/ou o Cyberbullying? Quem te informou sobre Bullying e/ou o Cyberbullying na escola? ....................... 25 3.3.- Em casa os teus pais já te falaram sobre Bullying e/ou Cyberbullying?........... 27 3.4.- Alguma vez foste vítima de Bullying?............................................................... 28 3.5.- Em que altura foste vítima de Bullying? ........................................................... 29 3.6.- Foste vítima de Bullying na escola nos últimos seis meses? ........................... 31 3.7.- Quanto tempo durou essa situação? .................................................................32 3.8.- Disseste alguma vez a alguém que foste vítima de Bullying? .........................33 3.9.- A quem contaste? .............................................................................................. 34 3.10.- Quando foste vítima de Bullying os teus pais contactaram a escola? .......... 36 3.11.- Alguma vez foste vítima de Cyberbullying?......................................................37

Violência Escolar

Página 275


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

3.12.- Em que altura foste vítima de Cyberbullying? ................................................ 38 3.13.- Foste vítima de Cyberbullying na escola nos últimos dois meses? ............... 39 3.14.- Quanto tempo durou essa situação? .............................................................. 40 3.15.- Disseste alguma vez a alguém que foste vítima de Cyberbullying? ............... 41 3.16.- A quem contaste? ............................................................................................. 42 3.17.- Quando foste vítima de Cyberbullying os teus pais contactaram a escola? . 44 3.18.- Os professores e / ou os adultos da escola separam os alunos quando há situações de Bullying?................................................................................................ 45 3.19.- Os alunos ajudam outros alunos vítimas de Bullying? ................................... 46 3.20.- O que sentes quando vês uma/um colega a ser vítima de Bullying? ............ 47 3.21.- Já alguma vez foste violento com alguém fora da Escola? ........................... 49 3.22.- Quantas vezes aconteceu essa situação de violência? .................................. 50 3.23.- De que forma foste violento com essa pessoa? ............................................. 51 3.24.- O que sentiste quando foste violento com essa pessoa? .............................. 52 3.25.- Contaste a alguém sobre teres sido violento?............................................... 54 3.26.- A quem contaste? .............................................................................................55 3.27.- O que te disse essa pessoa a quem contaste? ............................................... 56 3.28.- Quando foste violento com outra pessoa fora da Escola, isso aconteceu por te juntares a outros colegas? .....................................................................................57 3.29.- O que te disseram esses colegas para seres violento? ................................. 59 3.30.- Já alguma vez foste violento com alguém na Escola? .................................. 60 3.31.- Quantas vezes aconteceu essa situação de violência? ................................... 61 3.32.- De que forma foste violento com essa pessoa? ............................................ 62 3.33.- O que sentiste quando foste violento com essa pessoa? ............................. 63 3.34.- Contaste a alguém sobre teres sido violento? .............................................. 65 3.35.- A quem contaste? ............................................................................................. 66 3.36.- O que te disse essa pessoa a quem contaste? ............................................... 67 3.37.- Quando foste violento com outra pessoa na Escola, isso aconteceu por te juntares a outros colegas? ........................................................................................ 68 3.38.- O que te disseram esses colegas para seres violento? ................................. 70 Alunos que sofreram Bullying ........................................................................................ 72 4.1.- Por idade. .............................................................................................................73 4.2.- Por género. ........................................................................................................ 74 4.3.- Por ano de escolaridade. ....................................................................................75 4.4.- Percurso escolar. ............................................................................................... 76 4.6.- Na tua escola alguém já te informou sobre o Bullying e/ou o Cyberbullying? Quem te informou sobre Bullying e/ou o Cyberbullying na escola? ...................... 79 4.7.- Em casa os teus pais já te falaram sobre Bullying e/ou Cyberbullying? ......... 82 4.8.- Os professores e / ou os adultos da escola separam os alunos quando há situações de Bullying?................................................................................................ 83 4.9.- Os alunos ajudam outros alunos vítimas de Bullying? .................................... 84 4.10.- O que sentes quando vês uma/um colega a ser vítima de Bullying? ............ 86 4.11.- Já alguma vez foste violento com alguém fora da Escola? ........................... 87 4.12.- Quantas vezes aconteceu essa situação de violência? .................................. 88 4.13.- De que forma foste violento com essa pessoa?............................................. 89 4.14.- O que sentiste quando foste violento com essa pessoa? .............................. 91

Violência Escolar

Página 276


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

4.15.- Contaste a alguém sobre teres sido violento? ............................................... 92 4.16.- A quem contaste? ............................................................................................. 93 4.17.- O que te disse essa pessoa a quem contaste? ................................................ 94 4.18.- Quando foste violento com outra pessoa fora da Escola, isso aconteceu por te juntares a outros colegas? .................................................................................... 95 4.19.- O que te disseram esses colegas para seres violento?.................................. 97 4.20.- Já alguma vez foste violento com alguém na Escola? .................................. 97 4.21.- Quantas vezes aconteceu essa situação de violência? .................................. 99 4.22.- De que forma foste violento com essa pessoa? ...........................................100 4.23.- O que sentiste quando foste violento com essa pessoa? ............................ 101 4.24.- Contaste a alguém sobre teres sido violento? ............................................. 102 4.25.- A quem contaste? ........................................................................................... 103 4.26.- O que te disse essa pessoa a quem contaste? .............................................. 105 4.27.- Quando foste violento com outra pessoa na Escola, isso aconteceu por te juntares a outros colegas? ....................................................................................... 106 4.28.- O que te disseram esses colegas para seres violento? ................................ 107 4.29.- Alunos que sofreram Bullying e Cyberbullying? ...........................................108 Alunos que sofreram Cyberbullying ............................................................................. 110 5.- Caracterização dos alunos que sofreram Cyberbullying. ........................................ 111 5.1.- Por idade. ............................................................................................................ 111 5.2.- Por género.......................................................................................................... 112 5.3.- Por ano de escolaridade. ................................................................................... 113 5.4.- Percurso escolar. ...............................................................................................114 5.5.- Já ouviste falar em Bullying e/ou em Cyberbullying?....................................... 115 5.6.- Na tua escola alguém já te informou sobre o Bullying e/ou o Cyberbullying? Quem te informou sobre Bullying e/ou o Cyberbullying na escola? ...................... 117 5.7.- Em casa os teus pais já te falaram sobre Bullying e/ou Cyberbullying?......... 119 5.8.- Os professores e / ou os adultos da escola separam os alunos quando há situações de Bullying?............................................................................................... 120 5.9.- Os alunos ajudam outros alunos vítimas de Bullying? .................................... 121 5.10.- O que sentes quando vês uma/um colega a ser vítima de Bullying? ........... 123 5.11.- Já alguma vez foste violento com alguém fora da Escola?........................... 124 5.12.- Quantas vezes aconteceu essa situação de violência? ................................. 125 5.13.- De que forma foste violento com essa pessoa? ............................................ 126 5.14.- O que sentiste quando foste violento com essa pessoa?............................. 127 5.15.- Contaste a alguém sobre teres sido violento? .............................................. 128 5.16.- A quem contaste? ............................................................................................ 130 5.17.- O que te disse essa pessoa a quem contaste? ................................................ 131 5.18.- Quando foste violento com outra pessoa fora da Escola, isso aconteceu por te juntares a outros colegas? ................................................................................... 132 5.19.- Já alguma vez foste violento com alguém na Escola? .................................. 133 5.20.- Quantas vezes aconteceu essa situação de violência? ................................. 134 5.21.- De que forma foste violento com essa pessoa? ............................................ 135 5.22.- O que sentiste quando foste violento com essa pessoa? ............................ 136 5.23.- Contaste a alguém sobre teres sido violento?.............................................. 137 5.24.- A quem contaste? ........................................................................................... 137

Violência Escolar

Página 277


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

5.25.- O que te disse essa pessoa a quem contaste? .............................................. 138 5.26.- Quando foste violento com outra pessoa na Escola, isso aconteceu por te juntares a outros colegas? ....................................................................................... 139 5.27.- Alunos que sofreram Cyberbullying e Bullying. ............................................ 140 Alunos que praticaram violência fora da Escola ......................................................... 142 6.- Caracterização dos alunos que praticaram violência fora da Escola. ................... 143 6.1.- Por idade. ........................................................................................................... 143 6.2.- Por género. ....................................................................................................... 144 6.3.- Por ano de escolaridade. .................................................................................. 145 6.4.- Percurso escolar. .............................................................................................. 146 6.5.- Já ouviste falar em Bullying e/ou em Cyberbullying? ..................................... 148 6.6.- Na tua escola alguém já te informou sobre o Bullying e/ou o Cyberbullying? Quem te informou sobre Bullying e/ou o Cyberbullying na escola? ..................... 149 6.7.- Em casa os teus pais já te falaram sobre Bullying e/ou Cyberbullying? ........ 152 6.8.- Os professores e / ou os adultos da escola separam os alunos quando há situações de Bullying?............................................................................................... 153 6.9.- Os alunos ajudam outros alunos vítimas de Bullying? ................................... 154 6.10.- O que sentes quando vês uma/um colega a ser vítima de Bullying? ........... 155 6.11.- Já alguma vez foste violento com alguém na Escola? .................................. 157 6.12.- Quantas vezes aconteceu essa situação de violência? ................................. 158 6.13.- De que forma foste violento com essa pessoa? ............................................ 159 6.14.- O que sentiste quando foste violento com essa pessoa? ............................ 161 6.15.- Contaste a alguém sobre teres sido violento? .............................................. 162 6.16.- A quem contaste? ............................................................................................ 163 6.17.- O que te disse essa pessoa a quem contaste? ............................................... 164 6.18.- Quando foste violento com outra pessoa na Escola, isso aconteceu por te juntares a outros colegas? ....................................................................................... 166 6.19.- O que te disseram esses colegas para seres violento? ................................. 167 6.20.- Alunos que foram violentos fora da Escola e sofreram Bullying................168 6.21.- Alunos que foram violentos fora da Escola e sofreram Cyberbullying. ......169 Alunos que praticaram violência na Escola .................................................................. 171 7.- Caracterização dos alunos que praticaram violência na Escola. ........................... 172 7.1.- Por idade. ........................................................................................................... 172 7.2.- Por género. ........................................................................................................ 173 7.3.- Por ano de escolaridade. .................................................................................. 174 7.4.- Percurso escolar. .............................................................................................. 175 7.5.- Já ouviste falar em Bullying e/ou em Cyberbullying? ...................................... 177 7.6.- Na tua escola alguém já te informou sobre o Bullying e/ou o Cyberbullying? Quem te informou sobre Bullying e/ou o Cyberbullying na escola? ..................... 178 7.7.- Em casa os teus pais já te falaram sobre Bullying e/ou Cyberbullying?......... 181 7.8.- Os professores e / ou os adultos da escola separam os alunos quando há situações de Bullying?............................................................................................... 182 7.9.- Os alunos ajudam outros alunos vítimas de Bullying? ................................... 183 7.10.- O que sentes quando vês uma/um colega a ser vítima de Bullying? ........... 184 7.11.- Já alguma vez foste violento com alguém fora da Escola? ........................... 186

Violência Escolar

Página 278


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

7.12.- Quantas vezes aconteceu essa situação de violência? ................................. 187 7.13.- De que forma foste violento com essa pessoa? ............................................188 7.14.- O que sentiste quando foste violento com essa pessoa?............................. 190 7.15.- Contaste a alguém sobre teres sido violento? .............................................. 191 7.16.- A quem contaste? ............................................................................................ 192 7.17.- O que te disse essa pessoa a quem contaste? ............................................... 193 7.18.- Quando foste violento com outra pessoa fora da Escola, isso aconteceu por te juntares a outros colegas? ................................................................................... 195 7.19.- O que te disseram esses colegas para seres violento? .................................196 7.20.- Alunos que foram violentos na Escola e sofreram Bullying. ....................... 197 7.21.- Alunos que foram violentos na Escola e sofreram Cyberbullying. ..............198 Relação entre Sofrer Bullying e Fatores ..................................................................... 200 8.- Relação entre alunos que sofreram Bullying e Fatores. ........................................ 201 8.1.- Fator "idade" no Ensino Básico. ...................................................................... 201 8.2.- Fator "género" no Ensino Básico. ...................................................................202 8.3.- Fator "ano de escolaridade" no Ensino Básico. ............................................ 203 8.4.- Fator "conhecimento da realidade do Bullying" no Ensino Básico. ............ 205 8.5.- Fator "retenções" no Ensino Básico. ............................................................. 205 8.6.- Fator "idade" no Ensino Secundário.............................................................. 206 8.7.- Fator "género" no Ensino Secundário. ...........................................................207 8.8.- Fator "ano de escolaridade" no Ensino Secundário. .................................... 209 8.9.- Fator "conhecimento da realidade do Bullying" no Ensino Secundário. ..... 210 8.10.- Fator "retenções" no Ensino Secundário...................................................... 210 8.11.- Caracterização do aluno que sofreu Bullying no Ensino Básico. ................... 211 8.12.- Caracterização do aluno que sofreu Bullying no Ensino Secundário. ......... 212 Relação entre Sofrer Cyberbullying e Fatores ............................................................. 213 9.- Relação entre alunos que sofreram Cyberbullying e Fatores................................ 214 9.1.- Fator "idade" no Ensino Básico........................................................................ 214 9.2.- Fator "género" no Ensino Básico. ................................................................... 215 9.3.- Fator "ano de escolaridade" no Ensino Básico. ............................................. 216 9.4.- Fator "conhecimento da realidade do Cyberbullying" no Ensino Básico. .... 218 9.5.- Fator "retenções" no Ensino Básico. .............................................................. 218 9.6.- Fator "idade" no Ensino Secundário............................................................... 219 9.7.- Fator "género" no Ensino Secundário. ........................................................... 221 9.8.- Fator "ano de escolaridade" no Ensino Secundário. ..................................... 222 9.9.- Fator "conhecimento da realidade do Cyberbullying" no Ensino Secundário. ................................................................................................................................... 223 9.10.- Fator "retenções" no Ensino Secundário...................................................... 223 9.11.- Caracterização do aluno que sofreu Cyberbullying no Ensino Básico. ........224 9.12.- Caracterização do aluno que sofreu Cyberbullying no Ensino Secundário. 224 Relação entre Violência Fora da Escola e Fatores ......................................................226 10.- Relação entre alunos que praticaram violência fora da Escola e Fatores. ......... 227 10.1.- Fator "idade" no Ensino Básico. ..................................................................... 227 10.2.- Fator "género" no Ensino Básico. ..................................................................228

Violência Escolar

Página 279


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

10.3.- Fator "ano de escolaridade" no Ensino Básico. ............................................229 10.4.- Fator "conhecimento da realidade do Bullying e/ou Cyberbullying" no Ensino Básico. ........................................................................................................... 231 10.5.- Fator "retenções" no Ensino Básico. ............................................................. 231 10.6.- Fator "idade" no Ensino Secundário. ............................................................ 232 10.7.- Fator "género" no Ensino Secundário. ..........................................................234 10.8.- Fator "ano de escolaridade" no Ensino Secundário..................................... 235 10.9.- Fator "conhecimento da realidade do Bullying " no Ensino Secundário. ... 237 10.10.- Fator "retenções" no Ensino Secundário. ................................................... 237 10.11.- Caracterização do aluno que foi violento fora da Escola no Ensino Básico. .................................................................................................................................. 238 10.12.- Alunos que foram violentos fora da Escola no Ensino Secundário. ......... 238 Relação entre Violência na Escola e Fatores .............................................................. 240 11.- Relação entre alunos que praticaram violência na Escola e Fatores. .................. 241 11.1.- Fator "idade" no Ensino Básico. ...................................................................... 241 11.2.- Fator "género" no Ensino Básico....................................................................242 11.3.- Fator "ano de escolaridade" no Ensino Básico. .............................................243 11.4.- Fator "conhecimento da realidade do Bullying e/ou Cyberbullying" no Ensino Básico. .......................................................................................................... 245 11.5.- Fator "retenções" no Ensino Básico. ............................................................. 245 11.6.- Fator "idade" no Ensino Secundário. ............................................................ 246 11.7.- Fator "género" no Ensino Secundário. ......................................................... 248 11.8.- Fator "ano de escolaridade" no Ensino Secundário. ................................... 249 11.9.- Fator "conhecimento da realidade do Bullying " no Ensino Secundário. .. 250 11.10.- Fator "retenções" no Ensino Secundário. .................................................... 251 11.11.- Caracterização do aluno que foi violento na Escola no Ensino Básico. ...... 252 11.12.- Caracterização do aluno que foi violento na Escola no Ensino Secundário. ................................................................................................................................... 252 Momento em que os alunos foram vítimas de Bullying e Cyberbullying ................... 253 12.- Alunos vítimas de Bullying..................................................................................... 254 12.1.- Ensino Básico. .................................................................................................. 254 12.2.- Ensino Secundário. ......................................................................................... 254 13.- Alunos vítimas de Cyberbullying. .......................................................................... 255 13.1.- Ensino Básico. ................................................................................................... 255 13.2.- Ensino Secundário. .......................................................................................... 255 Comunicação dos pais com a Escola ........................................................................... 257 14.- Comunicação dos pais com a Escola em situações de violência escolar. .......... 258 14.1.- Ensino Básico. ................................................................................................. 258 14.2.- Ensino Secundário. ......................................................................................... 258 Situações preocupantes .............................................................................................. 260 Referências bibliográficas ........................................................................................... 264 O Inquérito ................................................................................................................... 265 Violência Escolar

Página 280


Escola Secundária de Barcelinhos

Ano Letivo 2017/2018

Os autores agradecem a colaboração de todos os alunos que responderam ao inquérito, aos professores que apoiaram na distribuição dos inquéritos às suas turmas. Agradece, em especial, à Direção da Escola Secundária de Barcelinhos na facilitação dos meios materiais necessários à realização deste estudo. À Dr.ª Daniela Gomes agradecemos o apoio técnico e orientação científica na realização do estudo. Os autores: ________________________________

________________________________

________________________________

________________________________

________________________________

________________________________

________________________________

________________________________

________________________________

________________________________

________________________________

________________________________

________________________________

________________________________

________________________________

________________________________

________________________________

________________________________

________________________________

________________________________

________________________________

________________________________

________________________________

________________________________

Violência Escolar

Página 281


Escola Secundรกria de Barcelinhos

Violência escolar final  

Estudo sobre violência escolar

Violência escolar final  

Estudo sobre violência escolar

Advertisement