Page 1


EXPEDIENTE PRESIDENTE Vilson da Silva Mayrink VICE-PRESIDENTE Leonardo Miranda Braga DIRETOR INSTITUCIONAL Moacir Carlos Muzzi Machado DIRETOR DE ASSUNTOS SOCIAIS José de Oliveira Galeno Filho DIRETOR FINANCEIRO Osvaldo Oliveira Graça Junior DIRETORA DE RELAÇÕES CORPORATIVAS Giuliana Loschiavo Cardoso

FUNDAÇÃO CDL PRÓ-CRIANÇA Av. João Pinheiro, 495 / 7º andar Funcionários - BH/MG CEP: 30.130-180 Telefone: (31) 3249-1791 www.fundacaocdl-bh.org.br

- JORNALISTA RESPONSÁVEL Andressa Guimarães Melo - TEXTOS & IMAGENS Andressa Guimarães Melo - DIAGRAMAÇÃO & PROJETO GRÁFICO Andressa Guimarães Melo - REVISÃO Rodrigo Martins Antonio


SUMÁRIO Apresentações.....................................................................................7 ŸPalavra do Presidente da CDL /BH.....................................................7 ŸPalavra do Presidente da Fundação CDL Pró-Criança..........................8 ŸPalavra da Diretoria Executiva.........................................................9 ŸFundação CDL Pró-Criança ............................................................10 ŸMissão, visão e valores..................................................................11 ŸConselhos................................................................................12 Programa Educação e Trabalho (PET)...................................................15 1) Centro de Atendimento Social (CAS)......................................19 2) Centro de Desenvolvimento Educacional e Profissional (CEDEP).................................................................................20 3) Oficinas Introdutórias...........................................................24 4) Recrutamento e Seleção........................................................25 5) Setor de Relações Corporativas.............................................27 6) Núcleo de Acompanhamento..................................................28 7) Núcleo Pedagógico - Atividades Culturais...............................29 Ver é Bom Demais...............................................................................35 Brincadeira é Coisa Séria....................................................................39 Natal de Todo Mundo...........................................................................43 Institucional & Clipping.......................................................................47

5


PALAVRA DO PRESIDENTE DA CDL/BH

A sociedade tem passado, nos últimos anos, por um grande processo de transformação, em busca da construção de um mundo com melhores condições de vida para todos. Com este objetivo a Fundação CDL PróFoto: arquivo CDL/BH

Criança tem levado a milhares de crianças e adolescentes programas voltados para a educação, cultura, formação profissionalizante, assistência social e saúde. A extensa séria de iniciativas no campo social Bruno Falci - Presidente da CDL/BH

protagonizada em nome dos lojistas de Belo Horizonte conseguiu mostrar o real sentido da palavra dignidade para centenas de crianças e adolescentes muitas vezes esquecidos pelo poder público.

São quase 30 anos de um trabalho incansável na busca de soluções que possam resolver as crescentes demandas da sociedade. Pois, sabemos que a construção de um mundo melhor para todos passa pelo engajamento do setor empresarial. Encerramos 2014 com saldo positivo, resultado de um trabalho executado com extrema competência e profissionalismo pelo presidente Vilson Mayrink. Mais do que números, este relatório apresenta o resultado de um trabalho duro, corajoso, ousado e com o solidário compartilhamento de decisões e responsabilidades. São ações como as realizadas pela Fundação CDL Pró-Criança é que nos deixam cheios de esperança para continuar lutando pelo nosso setor, nossa sociedade, nossa cidade, nosso Estado e nosso Brasil.

7


Proporcionar amplitude de oportunidades aos cidadãos, mais dignidade e qualidade de vida, esse é o papel do empresário e é nesse sentido que buscamos dar nossa contribuição. O objetivo da Fundação, como braço social da CDL/BH, é justamente conduzir as ações sociais da classe lojista, sobretudo no campo da formação educacional e profissional, contribuindo para a ampliação da oferta de mão-de-obra qualificada para o mercado de trabalho e para a inserção de jovens nesse disputado mercado, dando a eles sua primeira experiência profissional. Nesse quesito, a Fundação tem cumprido com êxito a sua missão, que é levar igualdade de oportunidade às pessoas e contribuir para a construção de um futuro melhor.

Foto: arquivo CDL/BH

PALAVRA DO PRESIDENTE DA FUNDAÇÃO CDL PRÓ-CRIANÇA

Vilson Mayrink - Presidente da Fundação CDL Pró-Criança

O ano de 2014 foi o último da minha gestão e tenho a sensação de dever cumprido. Entregamos a Fundação com saldo positivo, o que possibilita até mesmo o vislumbre de projetos maiores para os próximos anos. Mas isso somente foi possível graças ao envolvimento e comprometimento de toda a diretoria, bem como de todos os gerentes e colaboradores, que executaram com empenho e dedicação suas funções. Estar à frente da presidência da Fundação CDL Pró-Criança foi uma experiência única em minha vida. Agradeço a todos pela confiança em mim depositada para conduzir as ações da Fundação durante essa gestão, pela fidelidade e comprometimento daqueles que caminharam junto conosco nesse período. Finalizo minha gestão com um enorme sentimento de gratidão pela oportunidade que me foi dada de realizar ações que contribuem para a construção de uma sociedade melhor. Na pessoa do presidente Bruno Falci, agradeço a toda a CDL/BH por esta oportunidade, pela confiança e pelo apoio sempre constante. Muito obrigado! Vilson da Silva Mayrink | Presidente da Fundação CDL Pró-Criança

8


Foto: arquivo CDL/BH

PALAVRA DA DIRETORIA EXECUTIVA

Giuliana Loschiavo

José Galeno

Leonardo Braga

Moacir Muzzi

Osvaldo Graça Jr.

Dir. de Relações Corporativas

Dir. de Assuntos Sociais

Vice-Presidente

Diretor Institucional

Diretor Financeiro

O biênio 2012/2014 foi marcado por fatores externos que trouxeram importantes reflexões: as previsões econômicas e políticas, os impactos de eventos nacionais e internacionais de grande porte, destacadamente a Copa do Mundo, as eleições e a grande disputa político-partidária nesse último ano. Tudo isso contribuiu para que os desafios internos de gestão e governança tivessem prioridades para a nova diretoria, renovada e integrada, em sua maioria, por líderes preparados e experientes, oriundos do CDL Jovem. Rever o caminho a ser percorrido determinou um foco mais intenso na nossa independência econômico-financeira, buscando um melhor enquadramento ao momento para obtenção de recursos governamentais, os planos alçados sentiram como os rumos das possibilidades estavam traçados. Tais fatores exigiram uma adequação da Fundação fundamentada em um foco de produtividade e simplificação de processos. Houve um aperfeiçoamento na cadeia de comando, o que provocou uma reorganização vertical e a substituição de lideranças, melhorando nossos sistemas de tecnologia, nosso Estatuto, nossa linha de autoridade executiva e encurtando o caminho para as decisões operacionais, o que nos deu uma direção racional focada no resultado. Avançamos na forma de comunicação, pesquisamos como estamos sendo entendidos e conhecidos por nossos idealizadores e para quem devemos os resultados: os lojistas. Fortalecemos a visão de que estamos contribuindo para a sociedade e aprimoramos nossos indicadores de comunicação, tendo como foco fazer a Fundação CDL ser conhecida positivamente e desejada. Boas sementes foram lançadas nesse terreno fértil, com uma equipe de colaboradores dedicados e integrados. Nos próximos anos, será possível o aprimoramento de um pragmatismo produtivo, que melhor contribuição trará às crianças e jovens beneficiados por nossas ações.

9


FUNDAÇÃO CDL PRÓ-CRIANÇA A Fundação CDL Pró-Criança é o braço social da Câmara de Dirigentes Lojistas de Belo Horizonte e tem como missão levar igualdade de oportunidade às pessoas e contribuir para a construção de um futuro melhor, fortalecendo e exercendo a cidadania em Belo Horizonte. No ano de 2014, a Fundação CDL Pró-Criança desenvolveu 4 programas: ŸPrograma Educação e Trabalho ŸVer é Bom demais ŸNatal de Todo Mundo ŸBrincadeira é Coisa Séria

Todos os programas seguem os objetivos do Art. 3º do Estatuto da Fundação: Art.3 - A Fundação tem por objetivo a promoção do desenvolvimento social da criança e do adolescente através das seguintes iniciativas: a) Programas de repasse de subvenção financeiras a instituições conveniadas; b) Programas de capacitação técnica e de gestão a instituições conveniadas; c) Programas de geração de renda, objetivando a auto sustentação dessas instituições; d) Programas voltados à assistência social; e) Programas voltados para a educação, a cultura, o esporte e o lazer; f) Programas de aprendizagem para adolescentes entre 15 e 20 anos, objetivando sua formação técnico-profissional metódica, compatível com o desenvolvimento físico, moral e psicológico; g) Encaminhamento e/ou contratação para as empresas conveniadas, de adolescentes aprendizes, com certificado de qualificação profissional emitido pela Fundação.

10


MISSÃO, VISÃO, VALORES

Missão • Levar igualdade de oportunidades às pessoas e contribuir para a construção de um futuro melhor, fortalecendo e exercendo a cidadania.

Visão • Em 2015, vamos nos orgulhar da transformação que fizemos na vida de milhares de pessoas, teremos crescido muito e de forma autossustentável, formaremos juntos com a comunidade e com os nossos parceiros uma grande família.

Valores • Paixão - É não medir esforços para servir com amor, alegria, satisfação, sempre acreditando no potencial das pessoas e na transformação que elas podem gerar nas próprias vidas e no mundo. • Relacionamento - É apostar na reunião de pessoas e esforços para um fim comum, compartilhando sonhos e ideais, sempre confiando na força da parceria. • Realização - É ser capaz de construir o futuro, realizando o melhor a cada dia, promovendo o encontro entre a necessidade e a solução.

11


CONSELHOS

Conselho Consultivo É o Conselho de Orientação da Fundação, composto pelos fundadores contribuintes da Fundação, pelos ex-presidentes da Instituidora, que são seus integrantes natos, por até 20 (vinte) representantes escolhidos pelo Conselho Deliberativo junto à sociedade, a partir de indicações recebidas dos Conselhos e da Diretoria Executiva, e de um representante dos Participantes, indicado de comum acordo entre eles. Fundadores Contribuintes da Fundação: ŸAntônio Augusto Júnior (in memorian) ŸAntônio Carlos G. Figueiredo (in memorian) ŸCarlos Alberto Cruz (in memorian) ŸCássio José Monteiro França ŸCelso Teixeira (in memorian) ŸDaniel de Freitas B. Reis (in memorian) ŸDante Lapertosa Neto ŸEduardo Silveira de Noronha Filho ŸElizabeth da Cunha Pimenta ŸFernando Luso Corrêa ŸFrancisco Sales Dias Horta ŸGil Nogueira (in memorian) ŸIgnácio B. Rodrigues (in memorian) ŸIvaldy Duarte Pessoa (in memorian) ŸIves Alves (in memorian) ŸIvon Lopes de oliveira ŸJaime Anastácio Medina ŸJoão Rolla (in memorian) ŸJoaquim Mariano da Silva (in memorian) ŸJorge Marinho Rolla ŸJosé Alencar G. da Silva (in memorian) ŸJosé Costa (in memorian) ŸJosé de Oliveira Galeno Filho

ŸJosé Francisco Cavallini (in memorian) ŸJosé Lúcio Costa ŸJosias Marques dos Reis ŸJúlio César Valério Riccio ŸJúlio Vicente Cruz (in memorian) ŸLauro Roscoe ŸLeonardo Augusto Ferreira ŸLevy Nogueira ŸLúcio Assumpção ŸLuiz de Almeida Luder ŸMarcelo Matte ŸMaurício de Assis Lopes ŸMaurício Roscoe ŸMoacir Carlos Muzzi Machado ŸMoacir Carvalho de Oliveira (in memorian) ŸNagib Calil El Abras ŸOsvaldo Mello Campos C. de Oliveira ŸRenato Falci (in memorian) ŸRoberto Alves Horta ŸRoberto Rodrigues Mol ŸSebastião Mauro Figueiredo (in memorian) ŸTânia Mara Vila Nova Orsini Sales ŸTasso Assunção (in memorian)

12


CONSELHOS Representantes da Sociedade: ŸAgmar Alves de Souza ŸAntônio Carlos Cabral Aguiar ŸCarlos Augusto Magalhães Filho ŸCarolina de Oliveira Castro Baia Antunes ŸDaniel Mariani Magalhães Prado ŸEuler Fuad Nejm ŸFelisberto Carvalho de Goes Neto ŸHelton Freitas ŸIcek Majer Weinreich ŸJosé Ângelo de Souza ŸKátia Nancy Borges Rodrigues de Freitas ŸLázaro Luiz Gonzaga ŸLouis Burlamaqui de Mello Neto ŸLuzia Maria Ferreira ŸMárcio Antônio Pacheco ŸMarco Aurélio Jarjour Carneiro ŸModesto Carvalho de Araújo Neto ŸPatrícia Nogueira ŸRoberto Dias de Andrade ŸWilly Alves Dieguez

Ex-presidentes da Instituidora: ŸCássio José Monteiro França ŸCelso Teixeira (in memorian) ŸEduardo Silveira Noronha Filho ŸFrancisco Sales Dias Horta ŸJorge Marinho Rolla ŸLeonardo Augusto Ferreira ŸManoel Pereira Bernardes ŸMarcos Furman (in memorian) ŸNagib Calil El Abras ŸNirlando Moacir de Miranda Beirão (in memorian) ŸOscar Nicolai (in memorian) ŸRonaldo Ferretti

13


CONSELHOS

Conselho Deliberativo É o Conselho de deliberação da Fundação, presidido pelo Presidente da CDL-BH, com a seguinte constituição: ex-presidentes da Diretoria Executiva, seus integrantes natos; 15 (quinze) integrantes, escolhidos por seu Presidente, sendo 8 (oito) dentre os participantes do Conselho Deliberativo da CDL-BH, e os demais entre os integrantes dos Órgãos Complementares ou funcionários da CDL-BH. ŸArmando Dummont Oliveira ŸArmando Santos Guimarães ŸAltair Orotides de Rezende ŸDaniela Li Chen ŸFausto Sebastião Izac ŸFernando Luiz Cardoso ŸFernando Tércius Batista Sasso ŸFranciso Sales Dias Horta ŸGilmar Antônio Gatto ŸJoel Henrique de Souza Matos ŸJosias Marques dos Reis ŸLaila Campolina de Barros ŸLauro Roscoe ŸLucas Pitta Maciel ŸMacoud Redemacker Patrocínio ŸManoel Pereira Bernardes ŸMarco Antônio Mendonça Gaspar ŸMarcos Inneco Corrêa ŸMarcelo de Souza e Silva ŸMaurício de Assis Lopes ŸNirlando Moacir de Miranda Beirão (in memorian) ŸRafael Mariné da Cunha Guimarães ŸSylvia Nascimento Antônio

14


CONSELHOS

Conselho Fiscal É o Conselho de controle interno da Fundação, composto por 3 (três) integrantes efetivos e 3 (três) suplentes indicados pelo Conselho Deliberativo da Instituidora, para um mandato de 2 (dois) anos, podendo ser reconduzidos. Membros Efetivos: ŸAdriano dos Santos Boscatte ŸRomero Fernandes do Espírito Santo ŸSebastião Mauro Fiqueiredo Silva

Membros Suplentes: ŸFabiano Estevão de Oliveira ŸFelipe Alvarenga Guimarães ŸJoão Luiz Bahia Antunes

Diretoria Executiva A Diretoria Executiva é constituída por 6 (seis) titulares, convidados da seguinte forma: • Um Presidente - escolhido pelo Presidente da Instituidora junto ao Conselho Deliberativo da CDL/BH; • Um Vice-Presidente - escolhido pelo Presidente convidado, junto ao Conselho Deliberativo da CDL/BH; • Quatro Diretores - livre escolha do Presidente convidado.

Vilson da Silva Mayrink – Presidente Leonardo Miranda Braga – Vice-Presidente Moacir Carlos Muzzi Machado - Diretor Institucional José de Oliveira Galeno Filho - Diretor de Assuntos Sociais Giuliana Loschiavo Cardoso - Diretora de Relações Corporativas Osvaldo Oliveira Graça Junior - Diretor Financeiro

15


16


Programa Educação e Trabalho (PET) – por meio do PET, a Fundação CDL Pró-Criança faz o elo entre o jovem e sua primeira experiência no mercado de trabalho formal, sendo suas atividades regulamentadas pela Lei da Aprendizagem (10.097/2000); pelo Decreto Lei que a regulamenta 5.598/05; pelas Portarias correlatas do Ministério do Trabalho e Emprego; e pelo Estatuto da Criança e do Adolescente, quando se referir à aprendizagem para menores de 18 anos. O programa segue, ainda, os objetivos previstos no Art. 3º do Estatuto da Fundação. Objetivo Geral - promover a formação profissional do jovem, para que ele atue com qualidade e responsabilidade nos diversos segmentos empresariais, além de possibilitar o desenvolvimento de suas potencialidades, através dos temas de aprendizagem. Cursos oferecidos - No ano de 2014, o Programa foi desenvolvido com três tipos de aprendizagem: Auxiliar Administrativo, Comércio e Serviço e Logística (Almoxarife). Os cursos do Programa Educação e Trabalho foram ministrados na Faculdade Pitágoras / Filial Timbiras (Rua Timbiras, nº 1.375 – Funcionários - BH/MG), na qual houve a atuação das equipes do Núcleo Pedagógica e do Núcleo de Acompanhamento. Além disso, em 2014, o Centro de Atendimento Social (CAS) permaneceu com suas atividades de orientação e apoio aos interessados em conhecer a Fundação CDL e participar dos programas. Contudo, as atividades de assistência social foram repassadas para o CEDEP. Dessa forma, as oficinas de capacitação para o mercado de trabalho e os serviços de assistência social (palestras, entrevistas socioeconômicas e atendimento social) foram realizadas no Centro de Desenvolvimento Educacional e Profissional (CEDEP) do programa PET, inaugurado em 2013. Foram realizadas, ainda, Oficinas Introdutórias em instituições parceiras, como Centro Sacramentino (Lutador), Obras Pavonianas, Fica Vivo!, Comunidade Fé e Esperança (Vila Pinho), CDM - Comunidade Viva, Árvore da Vida, dentre outras. Público Alvo - adolescentes e jovens em situação de vulnerabilidade social, matriculados e frequentes em escola pública e pertencentes a núcleos familiares com renda per capta de até um salário mínimo. Os requisitos para inserção do adolescente/jovem no Programa de Aprendizagem são: a) Participar do curso da Oficinas Introdutórias e apresentar um desempenho satisfatório no mesmo; b) Ter idade entre 15 e 20 anos;

17


c) Estar cursando, no mínimo, o primeiro ano do Ensino Médio em escola pública; d) Pertencer à família com renda per capta não superior a um salário mínimo, considerando as suas variáveis e aplicações sob análise socioeconômica. Etapas - Para participar do programa, o candidato deverá passar pelas etapas: • 1° Etapa: Palestra Introdutória (informações sobre aprendizagem); • 2° Etapa: Entrevista com a Assistente Social (avaliação socioeconômica); • 3° Etapa: Oficinas Introdutórias (oficinas de capacitação para o mercado de trabalho); • 4° Etapa: Inclusão no banco de talentos (espera para contratação por uma empresa parceira); • 5° Etapa: Contratação como aprendiz e matrícula no curso de aprendizagem. A 1ª e a 2ª etapas são realizadas no CEDEP e seu objetivo principal é o atendimento dos candidatos a aprendizes e seus familiares para o programa PET. A metodologia de atendimento funciona da seguinte forma: o interessado entra em contato pelo telefone de inscrição e agenda a palestra introdutória. Na palestra, o candidato conhece um pouco a Fundação CDL, seus projetos e o funcionamento do programa PET. Em seguida, caso o candidato tenha interesse em participar do programa, o mesmo deverá providenciar determinados documentos para a entrevista socioeconômica. A 3ª etapa consiste em entrevistas e dinâmicas de grupo com a psicóloga responsável pela seleção. Na seleção, são avaliados quesitos como o comportamento do candidato, seu interesse pelo programa, suas habilidades e pontos a serem melhorados. A 4ª etapa consiste na inclusão dos aprovados em nosso Banco de Talentos. Neste banco, os jovens aguardam para serem efetivados por uma de nossas empresas parceiras. A 5ª etapa consiste na contratação do aprendiz em uma de nossas empresas parceiras. A metodologia da aprendizagem funciona da seguinte forma: o aprendiz permanece quatro dias na empresa, realizando a aprendizagem prática e um dia na Fundação CDL, realizando a aprendizagem teórica (podendo, eventualmente, o aprendiz ter que comparecer à aprendizagem teórica duas vezes por semana, nos casos de necessidade de reposição de carga horária).

18


1. CENTRO DE ASSISTÊNCIA SOCIAL (CAS) A Fundação CDL, por meio do CAS presta informações à comunidade, a respeito dos programas e projetos desenvolvidos pela instituição. O CAS funciona no 1º subsolo do prédio da CDL-BH, no mesmo local onde são feitos os atendimentos à população e associados.

a) Atendimento - Ao longo do ano de 2014, foram realizados no CAS 1305 atendimentos presenciais e 2965 atendimentos telefônicos.

b) Informações prestadas - Das informações fornecidas, 15 eram a respeito dos projetos da Fundação CDL, 1 sobre o trabalho voluntário, 50 sobre parcerias e permutas, 4168 sobre o PET (Programa de Educação e Trabalho) e 36 informações gerais.

Informações CAS 37

15

50

Projetos Parcerias e Permutas Inscrições PET Informações Gerais

4.168

19


2 . CENTRO DE DESENVOLVIMENTO EDUCACIONAL E PROFISSIONAL (CEDEP ) O CEDEP, inaugurado em 2013, além de ser um local de divulgação dos programa desenvolvidos pela Fundação CDL Pró-Criança, também recebe inscrições de jovens de Belo Horizonte e Região Metropolitana para o Programa Educação e Trabalho (PET). O CEDEP está localizado na Rua da Bahia, 360 / 7º andar, Centro. a) Informações sobre o PET - No ano de 2014, 7.921 pessoas procuraram informações sobre o Programa Educação e Trabalho no CEDEP. Deste número, 5.087 contatos se deram através de ligações telefônicas e 2.834 por informações presenciais.

b) Palestras - No ano, foram agendadas 149 palestras, nas quais os jovens e responsáveis são informados sobre o Programa de Educação e Trabalho e sobre o processo de inserção no mesmo. Dos candidatos agendados, 1.919 compareceram e 301 faltaram.

20


c) Entrevistas sociais - No ano de 2014, foram realizadas 1.916 entrevistas socioeconômicas, sendo que 1.475 jovens foram considerados aptos, 85 inaptos e 356 jovens não apresentaram toda a documentação exigida, impossibilitando a avaliação.

d) Perfil Social d.1) Regionais - Dos candidatos entrevistados no ano de 2014, 1196 residiam em Belo Horizonte e 720 na região metropolitana.

d.2) Gênero - Dos jovens entrevistados, 1.099 são do sexo feminino e 817 do sexo masculino.

21


d.3) Faixa Etária - Considerando o critério da faixa etária para inscrição no PET, 499 dos jovens entrevistados tinham 15 anos de idade, 780 tinham 16 anos, 459 tinham 17 anos, 135 tinham 18 anos, 31 tinham 19 anos e 12 tinham 20 anos.

d.4) Renda per capta - A renda per capta familiar dos jovens entrevistados no ano apresenta-se da seguinte forma: - Indicador 1 (R$ 0,00 a R$ 181,00): 259 - Indicador 2 (R$ 181,01 a R$ 362,00): 631 - Indicador 3 (R$ 362,01 a R$ 543,00): 426 - Indicador 4 (R$ 543,01 a R$ 724,00): 210 - Indicador 5 (Acima de R$ 724,00): 75

Obs.: Não foi possível definir a renda per capta de 315 jovens, pois esses não apresentaram as declarações de renda da família.

22


e) Benefício Social - Nas entrevistas realizadas, percebeu-se que 312 candidatos recebem algum tipo de benefício social, que é concedido pelo governo para as famílias em vulnerabilidade social. Desses jovens que recebem benefício, 297 informaram que recebem Bolsa Família e 15 recebem o Benefício de Prestação Continuada (BCP).

f) Meios de informação - Dos jovens entrevistados, 393 deles ficaram sabendo do programa através do site, 482 através de alguma parceria, 369 conheceram o programa por algum aprendiz do PET, 111 deles por algum tipo de propaganda, 90 através da escola e 471 por outros meios.

23


3. OFICINAS INTRODUTÓRIAS O curso «Oficinas Introdutórias para o Mercado de Trabalho» tem como objetivo promover a capacitação de jovens para o mercado de trabalho. O curso contribui para o desenvolvimento profissional, pessoal e social desses jovens e orienta-os para competir e atuar no mercado de trabalho. Durante a capacitação, são realizadas diversas abordagens, como autoconhecimento, planejamento profissional, noções sobre o mercado de trabalho, noções empresariais, trabalho em equipe, relacionamento interpessoal, ética profissional, capacidade de receber críticas, marketing pessoal, comunicação, entre outros. O curso tem duração de cinco dias, com a entrega de certificado no final. a) Jovens capacitados - Em 2014, foram realizadas 69 oficinas de capacitação para o mercado de trabalho. No total, foram capacitados 1.221 jovens e 276 jovens desistiram do processo nessa etapa das inscrições.

a) Parecer das oficinas - Dos jovens capacitados no ano, 1.206 foram considerados aptos e 15 inaptos, pois não atingiram o objetivo das oficinas.

b) Perfil dos candidatos - Entre os jovens capacitados, 722 eram do sexo feminino e 499 do sexo masculino.

24


4. RECRUTAMENTO E SELEÇÃO a) Tipo de Aprendizagem - No ano de 2014, foram selecionados e contratados 844 aprendizes, sendo 635 para a aprendizagem de auxiliar administrativo, 119 para comércio e serviço e 90 para a aprendizagem de logística.

b) Seleção - A idade dos jovens contratados era: Ÿ15 anos - 152 jovens Ÿ16 anos - 311 jovens Ÿ17 anos - 251 jovens Ÿ19 anos - 24 jovens Ÿ20 anos - 5 jovens

25


c) Inaptos - No ano de 2014, 1.338 jovens do banco de habilitados foram considerados inaptos a participar do programa. Os motivos pelos quais os jovens se tornaram inaptos foram: Ÿ 697 desses jovens já estavam trabalhando, Ÿ 253 não tinham mais interesse, Ÿ 280 não conseguimos contato por mais de três vezes, Ÿ 25 preferiram dar prioridade aos estudos, Ÿ 10 estavam grávidas, Ÿ 73 por outros motivos.

26


5. SETOR DE RELAÇÕES CORPORATIVAS No ano de 2014, o Setor de Relações Corporativas realizou: ŸVisitas In Loco - 158 ŸEntrada de novos aprendizes - 458 ŸEntrada por meio de reposições - 386 ŸFechamento de novos contratos (Empresas) - 145 A Fundação CDL Pró-Criança fechou o ano com 886 aprendizes e com 281 empresas parceiras do PET, o que representa um crescimento de 44% em relação ao número de empresas parceiras em 2013.

27


6. NÚCLEO DE ACOMPANHAMENTO No ano de 2014, o Núcleo de Acompanhamento realizou: Ÿ Visitas In Loco - 524 Ÿ Avaliação Desempenho (Presencial e On-line) - 979 Ÿ Feedback - 961 Ÿ Orientação ao aprendiz e ou/ responsável - 1459

Foram realizados, quatro Momentos Empresa (um em cada turma). Ao todo, foram atendidos 584 aprendizes dos turnos da manhã e tarde. Confira, abaixo, os dados levantados:

Ao todo, 77% dos aprendizes consideraram sua aprendizagem prática muito boa ou ótima no ano de 2014.

O setor realizou, ainda, 26 treinamentos iniciais do Módulo Introdutório, 18 treinamentos de Orientações Profissionais e um treinamento sobre Drogas - Juventude Fectipa. A equipe realizou o acompanhamento mensal do Fectipa, do Juventude Fectipa e acompanhou o curso para as adolescentes gestantes, realizado na Santa Casa de Misericórdia de Belo Horizonte. O Setor conseguiu, ainda, uma parceria com o Programa Elos e encaminhou 19 aprendizes para o atendimento psicológico gratuito. Em 06/05/2014, foi realizada, em parceria com o Serviço Social da Fundação CDL, uma visita domiciliar ao abrigo "Lar Esperança Francisca Paula de Jesus" para acompanhamento de uma aprendiz abrigada.

28


7. NÚCLEO PEDAGÓGICO - ATIVIDADES CULTURAIS

Visita à exposição "Leilão de Arte 1,99" Dos dias 18 a 20 de fevereiro, os aprendizes do PET visitaram a mostra "Leilão de Arte 1,99", exposta no Palácio das Artes. A exposição corresponde a uma sátira aos tradicionais leilões e negociatas que integram o mercado da Arte. Após a exposição, as obras expostas foram colocadas à venda em um leilão, tendo como lance mínimo o valor de R$1,99, numa referência ao comércio popular brasileiro. O objetivo da visitação foi proporcionar aos aprendizes uma nova vivência cultural e a percepção, por meio da arte, da supervalorização do comércio brasileiro.

Visita ao Museu Inimá de Paula Nos dias 25 a 28 de fevereiro, os aprendizes do Programa Educação e Trabalho (PET) realizaram visitas guiadas ao Museu Inimá de Paula, acompanhados pela educadora social Paloma Andrade. As visitas integram o módulo de Língua Portuguesa I e, após a atividade no Museu, os aprendizes poderão realizar conexões sobre diversos gêneros textuais, inclusive compreender que a linguagem se não resume à verbal e à não-verbal, uma vez que existem outras opções como, por exemplo, a linguagem estética e a linguagem artística. Durante a visitação, os aprendizes conheceram a história do museu e a biografia do artista Inimá de Paula, aprendendo também sobre um momento importante cultural da vida do país, o período Modernista. O Museu reúne um acervo permanente dedicado ao pintor homônimo, traçando um panorama completo de sua vida e obra.

29


Visita à exposição “Minha vida é um bordado com Guimarães Rosa” No dia 24 de março, aproximadamente 70 aprendizes do PET visitaram a mostra “Minha vida é um bordado com Guimarães Rosa”, exposta no Centro de Atendimento ao Visitante do Circuito Cultural Praça da Liberdade. A união de literatura, histórias de vida e artesanato formam a exposição, composta por bordados produzidos por associados idosos do Sesc Floresta, baseados na leitura da obra “As Primeiras Estórias”, do escritor mineiro. Os bordados são resultantes das sessões das rodas de leitura, promovida pelo Sesc Floresta com associados idosos, o que permite o exercício da imaginação, da memória, da fantasia e novas formas de se perceber e entender o mundo a partir do incentivo à leitura, unindo-se a arte popular do bordado. À medida que a leitura acontece, os associados vão externando e mesclando no bordado suas histórias de vida com a obra em questão.

Visita às exposições “Improvável” e “A borda o risco o mundo: experimento #2” Durante o mês de março, aproximadamente 500 aprendizes do Programa Educação e Trabalho (PET) visitaram as exposições “Improvável” e “A borda o risco o mundo: experimento #2”, no Palácio das Artes. As visitas integraram o módulo de Língua Portuguesa e, após a visita, os aprendizes realizaram atividades baseadas na exposição. A exposição “Improvável” é uma mostra coletiva dos trabalhos de cinco artistas brasileiros, que se uniram para criar uma série artística baseada em acontecimentos que, a princípio, são improváveis de acontecer, possíveis de serem encontrados apenas no universo da ilusão. A mostra apresenta obras que perpassam a poesia visual e dialogam com a imagem do que seria verdadeiro, em um contexto onde o improvável pode se realizar. Já a mostra “A borda o risco o mundo: experimento #2” é composta por desenhos, instalações, vídeos e objetos, revelando os processos de criação da artista.

30


1º Encontro do Projeto Ação & Cidadania Trilhar seu próprio caminho, não desistir dos seus sonhos e acreditar que você é capaz foram apenas alguns dos recados transmitidos pelos dois palestrantes do 1º Encontro do Projeto Ação & Cidadania 2014. As palestras foram ministradas pelo sócio proprietário da Mix Lanches e ex-aluno do Plug Minas, Frederico Amorim, e pelo coaching financeiro e sócio proprietário do CNI - Escola de Informática, Eduardo Bolina. O evento que foi realizado no dia 9 de abril, às 14h, no auditório da CDL-BH, e contou com a participação de 285 alunos de sete escolas públicas e, também, de aprendizes do Programa Educação e Trabalho (PET), desenvolvido pela Fundação CDL Pró-Criança. O evento contou com a presença do presidente da CDL Jovem, Lucas Pitta; do presidente do Crea-Minas Júnior, Igor Martins; da representante da Rolim, Viotti e Leite Campos Advogados, Lauren Cássia; do diretor executivo do Grupo J. Lemara, Leirson Cunha.

Oficinas de Bordado do SESC/MG Aproximadamente 220 aprendizes do Programa Educação e Trabalho (PET) participaram da Atividade Cultural de Oficina de Bordado “Confecção de Coelhinho da Páscoa”. As oficinas foram ministradas por 15 voluntários participantes dos projetos “Minha Vida é um Bordado” e “Quem Conta, Encanta”, ambos desenvolvidos pelo SESC Minas. A atividade cultural foi realizada no dia 15 de abril, nos turnos da manhã e da tarde, na Faculdade Pitágoras. O objetivo da Atividade Cultural foi proporcionar aos jovens a aquisição de novos conhecimentos e o crescimento profissional, além oferecer a eles a possibilidade de conquistar uma renda extra, ao colocarem em prática as novas habilidades adquiridas. Além disso, o encontro entre gerações e a promoção da compreensão e do respeito mútuo são alguns dos objetivos desses projetos voltados para o voluntariado na terceira idade.

31


Paletas sobre emoções e sobre sexualidade Aproximadamente 700 aprendizes do Programa Educação e Trabalho assistiram a palestras educativas ministradas pela psicóloga organizacional, Marylene Cerqueira, e pelo analista de Saúde do SESC-MG, Tarcísio Barbosa Ribeiro. Os temas abordados foram “Gerenciamento de Emoções” e “Sexualidade”. O evento foi realizado no dia 23 de abril, nos turnos da manhã e da tarde, no auditório da CDL/BH. A Fundação CDL Pró-Criança agradece ao consultor corporativo do SESC Minas, Amâncio Marcos Costa de Castro, e à consultora de negócios do SENAC Minas, Magui Regina Ribeiro Henriques pela parceria que possibilitou a realização das palestras.

Visita guiada ao Mercado Central No dia 19 de maio, 40 aprendizes do módulo introdutório do Programa Educação e Trabalho (PET) realizaram visita guiada ao Mercado Central. A proposta foi que eles observassem o espaço e relacionassem com o conteúdo referente à Qualidade no Atendimento. O objetivo foi fazer com que os alunos identifiquem o Mercado como centro de comércio e suas relações de consumo. E também reconhecê-lo como ponto turístico e cultural de Belo Horizonte, com suas tradições, o seu contexto na história da cidade, as formas de socialização e aspectos da vida moderna. Durante a visita, os aprendizes assistiram a palestra sobre história do Mercado Central, com apresentação de imagens e de um vídeo institucional. Em seguida, foram levados para um passeio pelos corredores, sempre acompanhados pela equipe de segurança.

32


Reunião Juventude FECTIPA A Fundação CDL Pró-Criança foi a responsável por organizar o encontro da Reunião Juventude FECTIPA do mês de julho, cujo tema foi “Drogas”. Durante o evento, realizado no dia 30 do mês citado, jovens de todas as instituições de aprendizagem da região de Belo Horizonte, incluindo os aprendizes do Programa Educação e Trabalho (PET), da Fundação CDL Pró-Criança, se encontraram para discutir o tema proposto. O Fórum de Erradicação e Combate ao Trabalho Infantil e Proteção ao Adolescente Trabalhador tem como objetivo incentivar o protagonismo juvenil e, nele, são discutidos assuntos pertinentes ao tema.

Visita à exposição “A Divina Comédia”, de Salvador Dalí No dia 7 de agosto, cerca de 50 aprendizes do PET visitaram a exposição “A Divina Comédia”, do pintor espanhol Salvador Dalí, na Academia Mineira de Letras. A exposição conta com 100 ilustrações do mestre do surrealismo para uma das principais obras da literatura universal: "A Divina Comédia", de Dante Alighieri. As ilustrações foram produzidas na década de 1950, por encomenda do governo italiano, que teve como intuito homenagear os 700 anos de nascimento de Dante (1265-1321). A proposta visual da exposição respeita inteiramente a estrutura sequencial dos cantos do Poema Sagrado de Dante. As gravuras percorrem a viagem imaginária do poeta, desde os círculos infernais, acompanhado por Virgílio, até ao centro da terra, onde encontra Lúcifer. Depois regressando à superfície terrestre, sobe a montanha do purgatório para, guiado pela sua amada Beatriz, ser admitido no paraíso. Proveniente de uma coleção privada da Espanha, o acervo de gravuras pretende conduzir o público a uma viagem a partir desse diálogo enriquecedor entre literatura e artes visuais.

33


Formaturas Janeiro No dia 31 de janeiro, às 17h, a Fundação CDL Pró-Criança realizou a cerimônia de formatura dos jovens que finalizaram a aprendizagem de Novembro/2013, Dezembro/2013 e Janeiro/2014. Participaram do evento, realizado na Faculdade Pitágoras, os aprendizes que concluíram o Programa de Educação e Trabalho (PET) nas áreas de Comércio e Serviço, Auxiliar Administrativo e Logística. A mesa da cerimônia foi composta pela coordenadora do Núcleo de Acompanhamento, Aline Maia, pela educadora Aline Cristina (representando os educadores), a auxiliar pedagógica Janaína Sousa (representando a equipe pedagógica), e pela sra. Rosália Menezes (representando os pais).

Junho No dia 13 de junho, às 16h30, a Fundação CDL Pró-Criança realizou a cerimônia de formatura dos jovens que finalizaram a aprendizagem de fevereiro a maio de 2014. Participaram do evento, realizado na Faculdade Pitágoras, os aprendizes que concluíram o Programa de Educação e Trabalho (PET) nas áreas de Comércio e Serviço, Auxiliar Administrativo e Logística. A mesa da cerimônia foi composta pela coordenadora do Núcleo de Acompanhamento Aline Maia (representando a equipe de acompanhamento), pela assistente pedagógica Luciene Costa (representando a equipe pedagógica), e pela sra. Vânia Gomes (representando os pais).

34


35


1ª etapa: Testes de acuidade visual na Vila Pinho No dia 11 de agosto, a Fundação CDL Pró-Criança, em parceria com o CDL Jovem, realizou testes de acuidade visual em 119 crianças e adolescentes da Vila Pinho, no Barreiro. A ação, que consistiu na primeira etapa do Programa Ver é Bom Demais, foi desenvolvida no Centro de Educação Infantil Clara e Francisca de Assis e na Comissão Fé e Esperança. Do total de participantes avaliados, 63 foram diagnosticados com baixa visão e foram encaminhados para médicos oftalmologistas voluntários do Programa. Aqueles que necessitaram receberam os óculos gratuitamente.

2ª etapa: Consultas na Clínica Afonso Pena (Dr. Icek) e na Clínica NEO - Núcleo de Excelência em Oftalmologia

3ª etapa: Entrega dos óculos doados pela a Ótica Centro Visão

36


Homenagem e agradecimento aos parceiros do Programa A Fundação CDL Pró-Criança realizou, no dia 26 de novembro, homenagem e agradecimento para os parceiros do Programa Ver é Bom Demais. A solenidade foi feita durante a Plenária do CDL Jovem, no salão de convenções da CDL/BH. Estiveram presentes o vice-presidente da Fundação CDL, Leonardo Braga; o diretor financeiro da Fundação CDL, Osvaldo Graça; o presidente do CDL Jovem, Lucas Pitta; o patrocinador da ação na Vila Pinho, Alexandre Dumont; as representantes da Clínica NEO Núcleo de Excelência em Oftalmologia, Tânia Carvalho e Evelim Gandini; além de membros-diretores do CDL Jovem e convidados.

«O trabalho que a Fundação CDL realiza é muito bonito. Por exemplo, o Programa Ver é Bom Demais é essencial para dar a essas crianças e adolescentes a oportunidade de cuidar da visão e, com isso, ter um melhor aproveitamento escolar e um melhor desempenho no trabalho. É muito gratificante realizar esse trabalho, porque eu tenho muito e quero ajudar a quem tem pouco. Acho importante quem tem muito saber dividir o que tem, somente assim podemos contribuir para a construção de uma sociedade melhor.» Dr. Icek Majer (Clínica Afonso Pena) - oftalmologista voluntário do Programa.

37


«Esse projeto que a Fundação CDL desenvolve é muito bom. Foi uma ótima oportunidade para o meu filho fazer o tratamento para a visão, pois não temos plano de saúde e não temos condições de pagar pela consulta. E as consultas pelo SUS demoram muito. Acho muito importante ele fazer esse acompanhamento com o médico, porque ele está na escola e queremos garantir que ele consiga enxergar tudo que está escrito no quadro. Muito obrigada a todos vocês por essa ajuda!»

“Não podemos mudar o mundo, mas com certeza mudaremos as vidas das crianças que participaram do projeto através da doação dos óculos e acima de tudo a doação do nosso tempo para estarmos próximos a essas crianças. É muito emocionante ver a alegria deles em nos receber”

Náide Barbosa, mãe de William Santos, da Vila Pinho.

Lucas Pitta, presidente do CDL Jovem e voluntário na ação realizada na Vila Pinho.

Resultados: - Atendimentos no teste de acuidade - 119 (2014) + 520 (2013)* - Encaminhamentos para oftalmologistas – 126 - Doação de óculos pela Ótica Centro Visão - 37 * Os resultados dos testes de acuidade visual realizados no ano de 2013 estão sendo contabilizados, também, no ano de 2014 porque aqueles que foram avaliados no Teste de Acuidade Visual (1ª etapa do Programa) em 2013 somente foram encaminhados para oftalmologistas e receberam os óculos em 2014.

38


FOTO: Tatiana Santana

39


Projeto Bica Aproximadamente 50 crianças atendidas pelo Projeto Bica foram beneficiadas pela inauguração da quarta brinquedoteca do programa Brincadeira é Coisa Séria, denominada “Padre Júlio Maria De Lobaerde”. A entidade beneficiada foi o Projeto Bica - desenvolvido pela Gráfica e Editora Social O Lutador (localização: Rua dos Trapistas, 157 – Bairro Júlio Maria). A solenidade de inauguração foi realizada no dia 19 de maio de 2014, das 13h às 16h30. O Projeto Bica atende crianças e adolescentes, com idades entre 6 e 14 anos, moradores de uma área de vulnerabilidade social. O BICA é um espaço de resgate da cidadania, através de atividades sócio-lúdico-educativas com reforço escolar, alimentação, práticas esportivas, artísticas e culturais. Estiveram presentes na inauguração: o presidente da Fundação CDL, Vilson Mayrink; o vice-presidente da Fundação CDL, Leonardo Braga; o vice-presidente da CDL-BH, Armando Santos Guimarães (representando o presidente Bruno Falci); o presidente do CDL Jovem, Lucas Pitta; o representante da CDL e do Divicred, José Ângelo de Souza; o diretorsecretário da Gráfica O Lutador, Denilson Mariano da Silva; a coordenadora do Projeto Bica, Tatiana Santana; o gerente institucional da Fundação, Paulo Costa; e o gerente administrativo-financeiro da Fundação, Rodrigo Martins. O espaço de 30 metros quadrados, usado como sala de reuniões do Projeto Bica, foi transformado em brinquedoteca, um espaço de convivência e estímulo à educação. Nela, as crianças terão um lugar dedicado à leitura, onde serão disponibilizadas cem obras literárias. Cerca de 250 brinquedos e 20 CDs e DVDs compõe um espaço multimídia, que tem como ideal estimular o desenvolvimento motor infantil. A brinquedoteca foi construída com o dinheiro arrecadado na 1ª edição da Corrida Na Ativa.

40


Casa-Lar Francisca Paula de Jesus No dia 28 de outubro, a Fundação CDL Pró-Criança inaugurou a quinta brinquedoteca do programa Brincadeira é Coisa Séria. A entidade beneficiada foi a CasaLar Esperança Francisca Paula de Jesus, localizada no bairro Nova Esperança, que atende crianças com idades entre 7 e 12 anos, de ambos os sexos. Atualmente, residem na instituição 13 crianças em situação de medida sócio-protetiva, ou seja, que foram retiradas do convívio familiar pelo Conselho Tutelar ou Juizado da Infância e Juventude e encaminhadas para a instituição de acolhimento. A solenidade de inauguração foi realizada das 9h às 11h30. Na ocasião, a Fundação CDL PróCriança prestou uma homenagem a Sebastião Mauro Figueiredo Silva, cujo nome foi dado à brinquedoteca. Sebastião Mauro foi um dos fundadores contribuintes do braço social da CDL/BH e, desde 1999, era membro do Conselho Fiscal e Consultivo da instituição. No Movimento Lojista, ele atuou por mais de 30 anos. Sua constante atuação no setor comercial e, principalmente, no âmbito social será sempre lembrada e aplaudida por todos. Estiveram presentes na inauguração: o presidente da Fundação CDL, Vilson Mayrink; o diretor institucional da Fundação CDL, Moacir Muzzi; a vice-presidente do CDL Jovem, Emely Gaspar (representando o presidente, Lucas Pitta); os membros do CDL Jovem, Gabriela Peixoto e Renato Reis; a supervisora de marketing da Faculdade Pitágoas, Andrea Lima, e a assessora de imprensa da Faculdade, Ana Guerra; e familiares do Sr. Sebastião.

41


Resultados:

A construção de ambas as brinquedotecas tornou-se realidade graças à contribuição de mais de 600 pessoas que participaram da Corrida na Ativa, realizada em 2013. Toda a verba arrecadada com as inscrições para o evento foi destinada à montagem dos espaços em instituições que atendem crianças em situação de vulnerabilidade social. O Programa também conta com apoio de comerciantes e voluntários, que doam brinquedos, livros e outros materiais.

Ÿ50 crianças - Projeto Bica Ÿ13 crianças - Casa-Lar Esperança Francisca Paula de Jesus

“A felicidade de inaugurar a Brinquedoteca Padre Júlio Maria é indescritível. Imaginar as infinitas possibilidades, as inúmeras viagens e descobertas em cada livro, filme ou brinquedo. Isso nos dá uma grande alegria e estímulo para continuar nosso trabalho aqui no Bica”. Coordenadora do Projeto Bica, Tatiana Santana.

“A brinquedoteca foi realmente um ganho para as crianças, pois, se dependesse da nossa condição, nunca conseguiríamos construir um espaço como esse. Nesse local, que agora ficou mais aconchegante e lúdico, poderemos realizar diversas atividades, como contação de histórias, momentos de estudos, jogos educativos, e etc., o que nos ajudará a estimular o desenvolvimento do gosto pela leitura”. Coordenadora do Lar Esperança Francisca Paula de Jesus, Josiane Martins Soares Lamounier.

“É muito gratificante fazer parte da equipe de voluntários, pois temos a oportunidade de participar de um momento que traz felicidade para essas crianças que tanto necessitam. Mais do que as doações materiais, o mais importante é a doação do nosso tempo, do nosso carinho, é disso que elas mais precisam. Foi um dia muito especial para mim”. Colaborador da CDL/BH e voluntário no dia da ação, Jacquison Vieira.

42

“Foi muito bom testemunhar a concretização dessa ação. Conseguimos ver o retorno do investimento feito na Corrida Na Ativa, ver que as promessas estão sendo cumpridas com exatidão. Muito obrigada pelo convite”. Supervisora de marketing da Faculdade Pitágoras, Andrea Lima.


43


21ªEdição Após a carreata que atravessou as ruas belorizontinas no dia 6 de dezembro, com direito à chegada do Papai Noel no carro do Corpo de Bombeiros, a Fundação CDL Pró-Criança realizou a 21ª edição do Natal de Todo Mundo para cerca de 50 crianças residentes na instituição de acolhimento Lar Cristão, localizada no bairro Braúnas. O programa Natal de Todo Mundo, realizado em parceria com o CDL Jovem e CDL-BH, proporcionou alegria, amor e carinho para os acolhidos pela instituição, que abriga crianças com idades entre zero e seis anos. O Lar Cristão é uma entidade que reúne três casas-lares no mesmo espaço físico (Casa Gênesis, Casa Hosana e Casa Emanuel) e cada casa acolhe cerca de 15 crianças com tal faixa etária. O evento ofereceu aos beneficiados rua de lazer, pintura facial, recreação, brincadeiras e lanches. Houve, ainda, a ilustre participação do Papai Noel e entrega de presentes. A realização da festa é uma oportunidade para as crianças vivenciarem o espírito de Natal, renovando sentimentos e esperança de um futuro melhor.

44


Campanha de Doações Para a realização dessa ação do Natal de Todo Mundo de 2014, foi fundamental o apoio do CDL Jovem, do Grupo Bel (Rádio 102,9 Fm; 98 Fm; Jornal Hoje em Dia), Lojas Elmo, Lojas Polimarcas, JLemara e Casa Falci, que abraçaram com entusiasmo a campanha de doações para o Natal de Todo Mundo. O Grupo CDL Jovem organizou a Gincana Solidária, com objetivo de mobilizar os membros a participarem da campanha de doações. A meta da Gincana era de arrecadar R$10.000,00 em dinheiro ou produtos para a ação da Fundação e o vencedor ganharia uma viagem para Buenos Aires (Argentina), caso a meta fosse atingida. E ela não só foi atingida, como foi superada, com uma arrecadação total de R$14.158,00, o que possibilitou à vencedora, Aila Campolina, ganhar a viagem de 4 dias com acompanhante para a Argentina. Além do apoio do CDL Jovem, a Fundação CDL PróCriança contou, ainda, com a parceria do Grupo Bel (composto pelos veículos de comunicação Rádio 102,9; 98 Fm; Jornal Hoje em Dia), que realizou uma campanha de doações durante um mês nas rádios do Grupo e, ainda, uma ação com o Trailer da 98 Fm, na Praça da Savassi, no dia 28 de novembro. O evento foi comandado pela equipe da Rádio 98 Fm, no ‘Trailer da 98’, com transmissão ao vivo os programas Central 98 FM; 98 Futebol Clube; Ricardo Amado - Oficial 98FM e Graffite 98 FM. Foram arrecadados, ao total,121 brinquedos; 3 latas de leite em pó para recém-nascidos; 4 pacotes de fraldas descartáveis infantis e 10 fardos de pipoca Aritana. Além disso, a campanha contou também com postos de arrecadação nas lojas Elmo, Polimarcas, JLemara e Casa Falci. O volume de doações arrecadadas foi superior ao esperado e, por isso, além dos produtos encaminhados para o Lar Cristão, a Fundação CDL Pró-Criança doou, também, 230 brinquedos para os Correios, para a campanha de Natal “Apadrinhe uma Cartinha”.

45


“O Abrigo Lar Cristão de Belo Horizonte só a tem a agradecer a todos vocês pela linda festa realizada em nossa instituição. Durante o evento, foi possível observar o carinho e atenção de todos os voluntários para com nossas crianças, proporcionando a elas um momento de pura felicidade! Durante a festa, a alegria contagiou todos os presentes, mas, principalmente, as nossas crianças que se encantaram com o maravilhoso evento feito para elas. É importante ressaltar que o diferencial e ponto alto da festa foi o olhar humanitário que os voluntários tiveram diante das crianças. Em nome de toda instituição Lar Cristão, agradeço à Fundação CDL por proporcionar às nossas crianças um momento repleto de magia e alegria”. Coordenadora de uma das unidades da Casa-Lar (Casa Gênesis), Margarida Monteiro.

Resultados:

“Participar do Natal de Todo Mundo e sentir a enorme alegria das crianças em nos receber é o melhor presente de Natal que podemos receber. Ao mesmo tempo em que nos sentimos tristes por sabermos que as crianças e bebês foram retiradas do convívio com suas famílias, ficamos alegres ao ver que elas estão sendo muito bem cuidadas pela equipe de funcionários e voluntários do Lar Cristão. Parabéns a todos que fizeram este Natal inesquecível para aquelas crianças." Presidente do CDL Jovem, Lucas Pitta.

ŸCasa Lar Cristão: 45 crianças

beneficiadas ŸCampanha

dos Correios: 230 brinquedos doados

ŸGincana Solidária - CDL Jovem:

R$14.158,00 reais arrecadados em produtos e em dinheiro. ŸAção na Savassi - Grupo Bel: 121

brinquedos; 3 latas de leite em pó para recém-nascidos; 4 pacotes de fraldas descartáveis infantis e 10 fardos de pipoca Aritana.

46


INSTITUCIONAL & CLIPPING 47


INSTITUCIONAL

Selo “Compromisso de Empreendedorismo” A Fundação CDL Pró-Criança, representada por seu vicepresidente Leonardo Braga, recebeu, no dia 24 de fevereiro, o selo “Compromisso de Empreendedorismo” da Junior Achievement, uma fundação sem fins lucrativos voltada para a educação prática em economia e negócios do mundo. O selo “Compromisso de Empreendedorismo” tem como objetivo reconhecer a contribuição dada pelas organizações parceiras para despertar o espírito empreendedor nos jovens e proporcionar uma visão clara do mundo dos negócios, além de fazer dessa contribuição uma inspiração para que mais pessoas sigam esse exemplo de responsabilidade social. O selo pode e deve ser utilizado nas comunicações impressas e virtuais das organizações, para sinalizar o comprometimento com essa causa e incentivar novos apoiadores a participar dos projetos. A partir da parceria entre a Fundação CDL e a Junior Achievement, são desenvolvidas atividades como Programa Mini-Empresa, Gincana Mese, Economia Pessoal, palestras sobre empreendedorismo, dentre outras; todas essas atividades são direcionadas aos jovens aprendizes do Programa Educação e Trabalho – PET. Junior Achievement - A missão da Junior Achievement é despertar o espírito empreendedor nos jovens, ainda na escola, e proporcionar uma visão clara do mundo dos negócios. acredita na capacidade e potencialidade do ser humano e incentiva os jovens a adotar responsabilidade pelos próprios destinos, determinação de objetivos específicos, realistas e ambiciosos, atuação na busca das metas, coragem para correr riscos, perseverança e confiança em si próprios.

48


INSTITUCIONAL

Visitas Institcuionais No dia 21 de março, o presidente da Fundação CDL Pró-Criança, Vilson Mayrink, e o vice-presidente, Leonardo Braga, realizaram uma reunião com o Subsecretário Municipal de Desenvolvimento Econômico, Marcelo Souza, para conversar sobre uma possível parceria entre as entidades. Além disso, a reunião teve como objetivo buscar uma aproximação com a Prefeitura de Belo Horizonte, em prol da busca pela igualdade de oportunidade para todos. No dia 24 de março, a diretoria da Fundação CDL Pró-Criança se reuniu com os representantes do Jornal Estado de Minas, o editor geral João Bosco Sales e a chefe de redação do caderno de economia Liliane Correia, também para discutir a possibilidade de formação de parceria entre as instituições. Participaram da reunião o presidente Vilson Mayrink, o vice-presidente Leonardo Braga, o diretor institucional Moacir Muzzi e o diretor de Assuntos Sociais José Galeno. No dia 27 de março, a CDL-BH e a Fundação CDL Pró-Criança receberam a visita do Cônsul da Argentina, José Cafiero, cujo objetivo era conhecer as instituições e os projetos e programas realizados pela Fundação, além de apresentar as ações empreendidas pelo Consulado Argentino. Durante a reunião, foram abordados temas como educação, inclusão social, economia, parcerias, dentre outros.

49


INSTITUCIONAL

Posse na Fundamig No dia 27 de março, o Diretor de Assuntos Sociais da Fundação CDL, José Galeno, tomou posse também como Diretor de Relações Internacionais da Federação Mineira de Fundações e Associações de Direito Privado - Fundamig. A diretoria do biênio 2014/2015 foi apresentada em solenidade na Academia Mineira de Letras. O evento contou com a presença de fundações filiadas à Fundamig, representantes do Primeiro, Segundo e Terceiro Setores. A mesa diretora foi composta pelo presidente da Fundamig, professor Leonardo Coelho; pelo Secretário de Estado de Desenvolvimento Social de Minas Gerais, Cássio Soares (representando o governador Antônio Anastasia); pela Curadora de Fundações e Coordenadora do CETRO de Apoio Operacional ao Terceiro Setor do Ministério Público – CAO-TS, Valma Leite da Cunha; e pelo diretor de assuntos sociais da Fundação CDL Pró-Criança, VicePresidente do CEBRAF (Confederação Brasileira de Fundações) e atual Diretor de Relações Internacionais da Fundamig, José de Oliveira Galeno Filho.

1ª Conferência Anual da Fundamig No dia 29 de abril, a 1ª Conferência Anual da FUNDAMIG reuniu dirigentes do Terceiro Setor para discutir a importância das alianças intersetoriais, da inovação e do empreendedorismo social. Com o tema: “Democracia, Sociedade Civil e Desenvolvimento Sustentável: Paradigmas e Dilemas do Terceiro Setor brasileiro”, o evento foi realizado na Fundação Dom Cabral. Os diretores da Fundação CDL Pró-Criança, José Galeno e Moacir Muzzi, representaram a instituição no evento. A Conferência foi conduzida pelo presidente da Fundamig, Leonardo Coelho, que realizou a abertura e destacou a importância das alianças intersetoriais, da inovação e do empreendedorismo social.

50


INSTITUCIONAL

Posse no CeMAIS No dia 2 de junho, o presidente da Fundação CDL Pró-Criança, Vilson Mayrink, tomou posse como conselheiro consultivo do Centro Mineiro de Alianças Intersetoriais – CeMAIS, para o mandato de 2014 a 2017. O evento foi realizado na Sala VIP da Faculdade Dom Helder Câmara. O CeMAIS é uma associação privada sem fins lucrativos, cujo objetivo é fortalecer o conceito de intersetorialidade, no qual poder público, empresas privadas e sociedade civil organizada se unem com o objetivo de fomentar ações sociais que promovam o benefício coletivo.

Parcerias ABAV - No dia 6 de junho, a Fundação CDL Pró-Criança fechou parceria com a Associação Brasileira de Agências de Viagem (ABAV) para fomentar captações para o Programa Educação e Trabalho (PET). Estiveram presentes na reunião: o gerente institucional Paulo Costa (representando o presidente Vilson Mayrink); a agente de relações corporativas Sandra Oliveira; o presidente da ABAV Antônio da Mata e a gerente operacional da ABAV Dulce Dellarett.

ABIH - A Fundação CDL Pró-Criança firmou, também, parceria com a Associação Brasileira da Indústria de Hotéis (ABIH), com objetivo de fomentar captações para o PET. A presidente da ABIH-MG, Patrícia Coutinho, afirma que «a principal razão para a contratação de jovens aprendizes está no significativo ato de responsabilidade social de inserir adolescentes no mercado de trabalho e possibilitar-lhes a conquista do seu primeiro emprego».

51


INSTITUCIONAL

Doação de 9,5 toneladas de alimentos para entidades sociais A Fundação CDL Pró-Criança encaminhou, entre os dias 2 e 8 de julho, a doação 9,5 toneladas de alimentos nãoperecíveis, arrecadados por meio do Projeto Savassi Cultural, realizado pelo Instituto Ativa Brasil. Os alimentos foram recolhidos por meio da troca por ingressos para os shows realizados na Savassi em todos os dias de jogos da Copa do Mundo. ŸA Fundação CDL, em parceria com o Instituto Ativa

Brasil, entregou os alimentos para as entidades: Casa de Apoio ao Câncer Bem Viver (1 tonelada) Comissão Fé e Esperança da Vila Pinho (3 toneladas) Lar dos Idosos São Joao Batista de Justinópolis Ribeirão das Neves (3 toneladas) Ÿ Lar Maria Clara – Contagem ( 2,5 toneladas) Ÿ Ÿ Ÿ

52


INSTITUCIONAL

Reunião dos Conselhos Deliberativo e Consultivo da Fundação CDL Pró-Criança No dia 13 de agosto, o Conselho Deliberativo, o Consultivo e a Diretoria Executiva da Fundação CDL Pró-Criança se reuniram para deliberar sobre a Prestação de Contas do exercício de 2013; sobre o Relatório de Atividades de 2013; e sobre a previsão orçamentária de 2014. A mesa diretora foi composta pelo presidente da CDL BH e presidente do Conselho Deliberativo da Fundação CDL-Pró Criança, Bruno Selmi Dei Falci; pelo presidente da Fundação CDL, Vilson Mayrink; pelo Vice-Presidente da Fundação CDL, Leonardo Braga; e pelo diretor de Assuntos Sociais, José Galeno. Além disso, o evento contou com a participação de diversos conselheiros e convidados. A assistente de comunicação, Andressa Guimarães, apresentou os resultados do Relatório de Atividades de 2013, mostrando aos conselheiros dados e fotos de todas as ações realizadas pela Fundação CDL Pró-Criança naquele ano. Posteriormente, o gerente administrativo-financeiro, Rodrigo Martins, apresentou a prestação de contas e situação econômica do ano 2013 e a previsão orçamentária para o ano de 2014. Após as deliberações dos conselheiros, a prestação de contas, o relatório de atividades e a previsão orçamentária foram aprovados por unanimidade.

53


INSTITUCIONAL

Uniformes são transformados em peças de arte A Fundação CDL Pró-Criança iniciou parceria com o Projeto FRED e realizou a doação de 355 uniformes para o Projeto, que oferece oficinas de produção de peças de tapeçaria com retalhos de tecidos. Até o dia 19 de novembro, o resultado do trabalho desenvolvido nessas oficinas será exibido na exposição “Brasis: País em recortes “, no Espaço Mari'Stella Tristão, do Palácio das Artes. A exposição traz mais de cem tapetes produzidos por artesãos por meio da técnica “trama sem nó em retalhos”. “Projeto Brasis – País em Recortes” Iniciado em 2013, o “Projeto Brasis – País em Recortes” tem a proposta de apresentar, através de imagens pré-selecionadas, uma identidade visual do Brasil. Na construção dessa iconografia brasileira são apresentados símbolos que tangem assuntos como a biodiversidade, aspectos culturais e arquitetônicos do nosso País. As peças são elementos que compõem um mosaico do que é o Brasil e têm como objetivo apresentar o país tanto a olhares estrangeiros quanto nativos. Projeto FRED Desde 1998, o projeto FRED oferece oficinas de criação de tapeçaria com retalhos e oficinas de dança e expressão corporal para detentos de penitenciaras, pessoas soropositivas, recuperandos, além de moradores de algumas comunidades de Belo Horizonte e Região Metropolitana O objetivo do Projeto FRED é desenvolver a capacidade criativa dos participantes de forma a estimular o resgate da autoestima, da autoconfiança e da cidadania. Através do trabalho artístico, da convivência e da construção coletiva, as pessoas aprendem um novo ofício e têm a oportunidade de estabelecer uma nova relação com a vida.

54


CLIPPING

s da Matéria no G1, o portal de notícia cação Rede Globo, sobre o Programa Edu T). e Trabalho (PE

55


CLIPPING

as Matéria no Jornal Estado de Min da mas gra e no Portal UAI sobre os Pro Fundação CDL Pró-Criança.

56


CLIPPING

Chamada na capa do Jornal Hoje em Dia e do matéria sobre inauguração da 5ª brinquedoteca Brincadeira é Coisa Séria.

Matéria sobre inauguração da 5ª brinquedoteca do Brincadeira é Cois a Séria no Informativo Fundamig.

57


CLIPPING

nte Vilson Rede Globo entrevista o preside a matéria sobre o Natal de Todo Mundo; no dia 5 de foi ao ar no MGTV 1ª edição dezembro de 2014.

A matéria foi publicada, tam bém, no G1, o portal de notícias da Rede Globo

58


Avenida João Pinheiro, 495 | 7º andar Bairro: Funcionários • BH/MG • CEP: 30.130-180 Telefone: (31) 3249-1791 www.fundacaocdl-bh.org.br fundação-cdl-pró-criança

@fundacaocdlbh

Profile for andressa guimaraes melo

Relatório de Atividades 2014  

Relatório de Atividades 2014

Relatório de Atividades 2014  

Relatório de Atividades 2014

Advertisement