Page 1

FABIO CASTRO AGIF/GAZETA PRESS

Goleador

Hernane foi o nome do jogo na goleada por 5 a 2 do Flamengo sobre o Macaé, ontem, em Volta Redonda, pela quinta rodada da Taça Guanabara. O camisa nove marcou quatro gols, três deles no primeiro tempo. Negueba também fez o dele. Com o resultado, o Fla se isolou na liderança do Estadual. Pódio D5

Corinthians perde e aumenta crise Pódio D4

Princesa e Manaus ficam no empate MANAUS, SEGUNDA, 3 DE FEVEREIRO DE 2014

esportes@emtempo.com.br

Pódio D3


D2

MANAUS, SEGUNDA-FEIRA, 3 DE FEVEREIRO DE 2014

CLICK ESPORTIVO

CHARGE

DIEGO JANATÃ

O time do Paysandu completou 100 anos de existência ontem e, em Manaus, os torcedores não deixaram a data passar em branco. Paraenses que moram na capital baré mostraram o amor pelo Papão com uma carreata pelas ruas da cidade.

Campeonatos Estaduais

2014

AMAZONENSE

CARIOCA

Time

PG

J

V

E

D

GP

GC SG

1° Flamengo

13

5

4

1

0

11

4

7

2° Fluminense

10

5

3

1

1

8

5

3

3° Cabofriense

10

5

3

1

1

7

5

4° Nova Iguaçu

10

5

3

1

1

6

5° Boavista-RJ

9

5

2

3

0

6° Vasco

8

4

2

2

7° Resende

6

5

1

8° Madureira

6

5

9° Botafogo

5

10° Bangu

PAULISTA

PRIMEIRA FASE - GRUPO A

GRUPO A PG

J

V

E

D

GP

1 Fast

3

1

1

0

0

6

2

4

2

2 Manaus FC

1

1

0

1

0

3

3

0

4

2

3 P. do Solimões

1

1

0

1

0

3

3

0

6

4

2

4 Iranduba

0

0

0

0

0

0

0

0

0

12

2

10

5 Sul América

0

1

0

0

1

2

6

-4

3

1

10

7

3

2

0

3

7

9

-2

4

1

2

1

4

4

0

5

5

1

2

2

3

4

-1

11° Volta Redonda

5

5

1

2

2

4

8

-4

12° Macaé

4

5

1

1

3

9

10

-1

13° Bonsucesso

4

5

0

4

1

2

4

-2

14° Friburguense

4

5

1

1

3

3

11

-8

15° Duque de Caxias

2

5

0

2

3

4

7

-3

16° Audax-RJ

2

5

0

2

3

0

8

-8

ITALIANO

Time 1° Juventus 2° Roma 3° Napoli 4° Fiorentina 5° Hellas Verona 6° Internazionale 7° Torino 8° Parma 9° Lazio 10° Milan 11° Atalanta 12° Genoa 13° Cagliari 14° Udinese 15° Sampdoria 16° Chievo 17° Bologna 18° Livorno 19° Sassuolo 20° Catania

Time

GC SG

J

V

E

D

GP

GC SG

59 50 44 41 35 33 33 32 31 29 27 27 24 23 22 18 18 17 17 15

22 21 22 22 22 22 22 21 22 22 22 21 22 22 21 22 22 22 22 22

19 15 13 12 11 8 8 8 8 7 8 7 5 7 5 4 3 4 4 3

2 5 5 5 2 9 9 8 7 8 3 6 9 2 7 6 9 5 5 6

1 1 4 5 9 5 5 5 7 7 11 8 8 13 9 12 10 13 13 13

54 45 44 40 37 39 35 32 29 35 24 23 21 22 25 16 20 22 23 16

16 11 26 24 35 27 28 27 29 32 30 27 31 32 32 29 38 40 48 40

38 34 18 16 2 12 7 5 0 3 -6 -4 -10 -10 -7 -13 -18 -18 -25 -24

Time

São Paulo Linense Comercial-SP Penapolense Atlético Sorocaba

PG 9 7 4 3 2

J

5 5 5 4 5

V 3 2 1 1 0

E 0 1 1 0 2

D 2 2 3 3 3

GP

GC SG

GP

GC SG

GP

GC SG

12 4 6 1 5

8 4 8 4 11

4 0 -2 -3 -6

PRIMEIRA FASE - GRUPO B GRUPO B Time 1 2 3 4 5

Penarol N. Borbense São Raimundo Nacional Holanda

PG

J

V

E

D

GP

3 3 0 0 0

1 1 0 1 1

1 1 0 0 0

0 0 0 0 0

0 0 0 1 1

2 3 0 2 0

GC SG 0 2 0 3 2

2 1 0 -1 -2

1 2 3 4 5

Time

Botafogo-SP Audax-SP XV de Piracicaba Corinthians Ituano

PG 9 8 6 6 5

J

5 5 4 5 4

V 3 2 2 2 1

E 0 2 0 0 2

D 2 1 2 3 1

8 6 6 5 3

9 4 4 9 3

-1 2 2 -4 0

PRIMEIRA FASE - GRUPO C 1 2 3 4 5

ESPANHOL

PG

1 2 3 4 5

Time 1° Atlético de Madri 2° Barcelona 3° Real Madrid 4° Athletic Bilbao 5° Villarreal 6° Real Sociedad 7° Sevilla 8° Valencia 9° Levante 10° Espanyol 11° Celta 12° Getafe 13° Málaga 14° Granada-ESP 15° Elche 16° Osasuna 17° Almería 18° Valladolid 19° Rayo Vallecano 20° Betis

PG

J

V

E

D

GP

GC SG

57 54 54 43 37 36 31 28 28 26 25 25 24 24 24 22 22 20 17 14

22 22 22 22 21 22 22 22 22 22 22 22 22 22 22 21 22 22 22 22

18 17 17 13 11 10 8 8 7 7 7 7 6 7 6 6 6 4 5 3

3 3 3 4 4 6 7 4 7 5 4 4 6 3 6 4 4 8 2 5

1 2 2 5 6 6 7 10 8 10 11 11 10 12 10 11 12 10 15 14

56 59 61 42 39 42 41 31 22 25 29 22 22 20 20 18 22 24 21 20

14 16 22 28 22 34 37 35 30 29 35 34 29 29 32 34 41 37 51 47

42 43 39 14 17 8 4 -4 -8 -4 -6 -12 -7 -9 -12 -16 -19 -13 -30 -27

FRASE

A partir de agora, os jogadores (que trouxermos) não serão tão bons, mas solteiros. Três ou quatro jogadores (do elenco) tiveram que sair, mas um deles disse que sua esposa não queria e o outro não quer ter que mudar o filho de escola Adriano Galliani, diretor do Milan, ao explicar que, a partir de agora, só contratará jogadores solteiros para facilitar as coisas.

Time

Santos São Bernardo Ponte Preta Paulista Portuguesa

PG 13 10 6 1 1

J

5 5 4 4 5

V 4 3 2 0 0

E 1 1 0 1 1

D 0 1 2 3 4

13 4 4 4 4

3 2 6 8 9

10 2 -2 -4 -5

PRIMEIRA FASE - GRUPO D 1 2 3 4 5

Time

Palmeiras Bragantino Mogi Mirim Rio Claro Oeste

PG 15 9 7 7 5

J

5 5 4 5 5

V

E

D

GP

GC SG

PG

J

V

E

D

GP

GC SG

55 53 50 47 45 44 40 37 35 27 25 24 24 24 24 23 23 22 21 19

24 23 23 24 24 24 24 24 24 24 24 24 24 24 24 24 24 24 24 24

17 17 15 14 12 13 12 11 9 7 6 6 6 6 6 7 4 5 5 6

4 2 5 5 9 5 4 4 8 6 7 6 6 6 6 2 11 7 6 1

3 4 3 5 3 6 8 9 7 11 11 12 12 12 12 15 9 12 13 17

47 68 43 58 37 31 39 32 34 27 24 29 23 25 19 15 28 24 19 22

21 26 20 29 25 32 29 31 27 34 38 35 30 36 37 33 34 33 41 53

5 3 2 2 1

0 0 1 1 2

0 2 1 2 2

11 7 7 6 4

2 4 9 8 5

9 3 -2 -2 -1

INGLÊS

Time 1° Arsenal 2° Manchester City 3° Chelsea 4° Liverpool 5° Everton 6° Tottenham 7° Manchester United 8° Newcastle United 9° Southampton 10° Aston Villa 11° Stoke City 12° Swansea City 13° Hull City 14° Sunderland 15° Norwich 16° Crystal Palace 17° West Bromwich 18° West Ham 19° Cardiff City 20° Fulham

26 42 23 29 12 -1 10 1 7 -7 -14 -6 -7 -11 -18 -18 -6 -9 -22 -31


D3

MANAUS, SEGUNDA-FEIRA, 3 DE FEVEREIRO DE 2014

AP1

Bem representado!

Amazonense manteve cinturão dos pesos-penas, e a organização agora estuda uma superluta nos leves, contra Anthony Pettis

Ú

nicos brasileiros com cinturão no Ultimate Fighting Championship (UFC), José Aldo Júnior e Renan Barão não decepcionaram a torcida verde e amarela, na madrugada do domingo (2), no UFC 169 . O manauense confirmou condição de melhor peso pena nos dias de hoje. Já Renan Barão assegurou o cinturão do galo. Aldo enfrentou um adversário ainda invicto no Ultimate, o americano Ricardo Lamas, e fugiu um pouco ao seu estilo explosivo e agressivo. Fazendo um jogo mais cerebral, o campeão conseguiu controlar o combate. Ele dominou o centro do octógono, foi melhor na trocação e estava afiado

O amazonense José Aldo confirmou condição de melhor peso-pena da atualidade ao derrotar Ricardo Lamas. Já Renan Barão, também segue dono do cinturão peso-galo no chão, mostrando um vasto repertório. O único momento de perigo veio ao final da luta, quando Lamas ficou por cima de Aldo e partiu para o ground and pound, mas não obteve sucesso. O placar de 49-46 dado pelos três árbitros manteve o título com o brasileiro. “[Me surpreendeu) bastante. Ele sentiu bem os golpes, mas ele é um grande lutador. Ele fez por merecer. Eu sabia que ele iria aguentar os cinco rounds, mas eu estava bem”, afirmou Aldo logo após o combate. O amazonense também agradeceu ao prefeito da cidade, Artur Virgílio Neto, que em seguida respondeu em sua página oficial em uma Rede Social. “Grande abraço pra vc também @Josealdojr.

Manaus inteira tem orgulho de você. Bela vitória no #UFC169”(sic). Essa foi a sexta defesa de cinturão consecutiva de José Aldo no UFC. Todas as lutas do manauense pela organização foram valendo título da categoria dos penas. Agora, espera-se que o lutador da Nova União suba de peso e protagonize uma superluta nos leves com o atual campeão da divisão, Anthony Pettis. Lutando contra o americano Urijah Faber em uma revanche, após a lesão de Dominick Cruz, Barão deu um espetáculo para o público. Dentro do octógono, o brasileiro não ligou para a torcida, ignrou as vaias e neutralizou o adversário. Faber começou o

round tomando a iniciativa e buscando golpear, mas era sempre bloqueado. No primeiro contra-ataque que conseguiu conectar, Barão quase deu fim à luta. Em seguida, o brasileiro conseguiu mais uma boa sequência e o americano resitiu novamente. Na terceira oportunidade não teve jeito, o campeão acertou um forte soco de direita que derrubou o rival e partiu para aplicar o nocaute técnico ainda no primeiro assalto. Para o próximo combate, ainda não se sabe quem será o adversário de Barão. E será uma escolha difícil, já que o potiguar de 26 anos vem varrendo a categoria. Foram sete vitórias em sete lutas no UFC, e não perde a 32 combates.

Belfort e Weidman em maio O UFC anunciou no último sábado (1º) que a luta entre o brasileiro Vitor Belfort e o americano Chris Weidman, na categoria peso médio, será realizada no dia 24 de maio, em Las Vegas, Estados Unidos. O principal embate do evento número 173 será no fim de semana que antecede o Memorial Day, que homenageia militares americanos que morreram em combates pelo país. “Eu venci Anderson Silva

por duas vezes e agora terei este novo desafio. Vou esperar por essa luta como eu sempre faço e espero pelo melhor: que eu saia vitorioso”, disse Weidman em entrevista para a ESPN dos Estados Unidos. O americano bateu Anderson Silva no UFC 162, em julho do ano passado, e no UFC 168, em dezembro. Nesta última luta, o brasileiro acabou fraturando a perna ao dar um golpe, e Weidman manteve o título da categoria.

AMAZONENSE

Campeão 2013 fica no empate

FICHA TÉCNICA P. DO SOLIMÕES 3 3 MANAUS FC

FLAÍZE VIANA Equipe EM TEMPO

Local: Estádio Gilberto Mestrinho (Manacapuru) Árbitro: Antônio Carlos Pequeno Frutuoso

VEI RA

Cartões Amarelos: Delciney (Princesa do Solimões) Cartão Vermelho: Emerson (Manaus FC)

OLI

Gols: Manaus FC: Cristiano (17 mins/1ºT), Joiner (28 mins/1º t) e Claudinei (21 mins/2ºT); Princesa do Solimões: Fininho (21 mins/1ºT e 15 mins/2º T) e Michel Parintins (38 mins/ 2º T)

ADO

Manaus FC: Nelsinho; Emerson, Erivaldo, Pastor e Alexandre; Daniel Pitbull, Juninho (Jean Carlos), Derlan e Joiner (Marinho). Cristiano (Tubarão) e Claudinei. Técnico: Paulo Morgado

RIC

F Princesa do Solimões: Milton; Clemilton (Charles), Flávio, He-Man e Rondinelle; Alberto, Fininho, Delciney (Israel) e Nando (Edinho Canutama). Michell Parintins e Marinelson. Técnico: Marquinhos Piter

Partida de abertura do Estadual foi marcada pelo equilíbrio das equipes

Chuva, expulsão, gol olímpico e um empate de 3 a 3. Assim começou o Campeonato Amazonense para o atual campeão Princesa do Solimões e o estreante Manaus FC, que entraram em campo no último sábado (1º), no estádio Gilberto Mestrinho, em Manacapuru (a 84 quilômetros da capital). Responsável por dois tentos e uma assistência, o meia Fininho justificou o empate: o gramado ficou pesado. “A gente fica feliz pelo desempenho do grupo, mas acreditamos que a chuva atrapalhou um pouco porque nosso time é mais leve e o gramado ficou bastante pesado. Mas isso não é desculpa”, disse.

Com menos um homem em campo, o técnico português, Paulo Morgado, elogiou o desempenho do grupo. “Foi fundamental chegar aos 45 minutos com menos um, no campo do atual campeão e arrancar um empate. Tenho a sensação que se tivéssemos 11 no campo, nós venceríamos o jogo”, afirmou. Também no sábado, o Fast goleou o Sul América por 6 a 2, enquanto Nacional Borbense surpreendeu o Nacional ao vencer por 3 a 2. Ontem, o Penarol derrotou o Holanda por 2 a 0. Todos os jogos da segunda rodada serão realizados no sábado (8), às 15h30. Pelo Grupo A, o Princesa enfrentará o Sul América, no estádio da Ulbra. E o Iranduba jogará contra o Fast, no Valdizão, em Manaquiri (a 80 quilômetros). No Grupo B, Nacional entra

em campo contra o Holanda, no estádio Francisco Garcia, em Rio Preto da Eva (a 79 quilometros). Já o São Raimundo enfrenta o Penarol, no Gilbertão. Jogo ‘pegado’ Nos primeiros minutos de jogo, o Gavião do Norte não deu sossego a defesa do Princesa. Aos nove minutos, uma tabelinha entre Juninho, Cristiano e Claudinei assustou o arqueiro Milton. O primeiro gol da partida veio nove minutos depois, aos 18 minutos em uma cobrança de falta por Cristiano. Aos 21 minutos, Nando foi derrubado na área por Emerson, que levou o primeiro cartão amarelo do jogo. O meia Fininho cobrou e deixou tudo igual no Gilbertão. A defesa do Princesa falhou aos 28 minutos, quando sozinho Claudinei avançou pela lateral esquerda e tocou para Joiner,

que dentro da área não deu chances a Milton e mandou para o fundo da rede. Os times foram castigados por uma forte chuva até o fim do primeiro tempo. Na volta para segunda etapa, Emerson cometeu falta em Michel Parintins e levou o segundo cartão amarelo, conseqüentemente foi expulso. O empate veio aos 15 minutos com gol olímpico de Fininho, para delírio da torcida de casa. O Tubarão do Norte passou a atacar, mas acabou provando do próprio veneno. Em um contra-ataque, o visitante abriu vantagem no marcado. Marinho levou a melhor na dividida com a zaga adversária e tocou para Claudinei, que marcou o terceiro gol do Manaus FC, aos 21 minutos. Com um a mais, o Princesa pressionou pelo empate e conseguiu, aos 38 minutos, em uma ‘bomba’ de Michel Parinttins deixou tudo igual.


D4 E4

MANAUS, MANAU SEGUNDA-FEIRA, 3 DE FEVEREIRO DE 2014

H

IO EL

SU

EN

A

/G GA

A

P TA ZE

RE

Timão ‘crisado’

Um dia depois de ter o CT invadido, o Corinthians sofreu a terceira derrota seguida no Paulistão, desta vez, para a Ponte

SS

U

m dia depois de ter o centro de treinamento invadido por torcedores, o Corinthians viveu mais um dia nervoso: sob fortes protestos da torcida, perdeu da Ponte Preta em Campinas por 2 a 1, ontem. É a terceira derrota seguida do time no Paulista, o que não ocorria desde 2004. O novo revés deixou a equipe na vice-lanterna do Grupo B, com seis pontos em cinco partidas. Nos minutos finais do duelo, um grupo de torcedores, li-

FICHA TÉCNICA PONTE PRETA CORINTHIANS

2 1

Local: Estádio Moisés Lucarelli, em Campinas (SP) Árbitro: Marcelo Rogério (SP) Um dia antes de entrar em campo contra a Ponte Preta, peruano Guerrero teria sido “esganado” por torcedores no CT

Ponte Preta: Roberto; Ferrugem, Cesar, Diego Sacoman e Magal; Bruno Silva (Elizeu), Fernando Bob e Adrianinho; Ademir (Rossi), Alemão (Tchô) e Silvinho. Técnico: Vadão Corinthians: Walter; Fagner, Gil, Paulo André e Uendel; Ralf, Guilherme e Danilo (Douglas); Romarinho (Rodriguinho), Guerrero (Alexandre Pato) e Emerson. Técnico: Mano Menezes

gados às organizadas, se posicionou próximo à entrada dos vestiários, atrás de um dos gols do estádio Moisés Lucarelli.

Cartões: Alemão, Bruno Silva, Rossi e Fernando Bob (Ponte Preta); Guilherme, Paulo André e Fagner (Corinthians) (A); Gil e Paulo André (Corinthians) (V)

CHOQUE-REI

Corinthians divulgará imagens do ocorrido. “O último treino não aconteceu e houve todo o episódio de que vocês têm uma pequena noção. As coisas ficarão mais claras com as imagens que a diretoria passará. São as imagens que precisam falar”, disse. Houve ameaças a jogado-

FERNANDO DANTAS/GAZETA PRESS

Verdão vence primeiro clássico O Palmeiras manteve os 100% de aproveitamento no Campeonato Paulista com a vitória por 2 a 0 sobre o São Paulo, no Pacaembu. O meia Valdivia e o atacante Alan Kardec marcaram os gols. Sem ter vencido clássicos no ano passado, o Verdão enfrentou um rival pela primeira vez desde que passou pela Série B do Brasileiro e impôs a segunda derrota do São Paulo no Paulistão. O Tricolor, que também não triunfou em clássicos em 2013, começa 2014 em jejum. A partida ainda marcou o reencontro do zagueiro Lúcio com o São Paulo. O pentacampeão chegou a se estranhar em alguns momentos com Luis Fabiano, mas a tensão que envolvia o assunto antes do Choque-Rei não se confirmou, com o zagueiro controlado em campo. Em função da quinta vitória no Estadual, o time de Kleina chegou aos 15 pontos, na liderança isolada do grupo D. Já o São Paulo segue na ponta do grupo A, com nove pontos. Na próxima rodada, o Palmeiras enfrentará o 15º de Piracicaba, quarta-feira (5), no Barão de Serra Negra. Já o Tricolor receberá o Paulista, no Morumbi. Os dois times exageraram nos erros de passes no primeiro tempo. Mesmo assim, o time de Gilson Kleina esteve melhor no início. Em boa troca de passes na frente, Valdivia fez a assistência na esquerda para Leandro, que saiu com liberdade de frente para o gol e arrematou no canto, baixo, mas Rogério Ceni conseguiu fazer grande defesa. Na resposta são-paulina, Maicon acionou Luis Fabia-

no pela esquerda. O atacante dominou nas costas da defesa palmeirense, mas o arremate desviou na zaga e pegou na rede pelo lado de fora. Na tentativa de dar criatividade ao Palmeiras, o chileno sofreu falta de Antônio Carlos fora do lance, pela direita do ataque alviverde. Assim, aos 22, Mazinho fez a cobrança para a área, e Valdivia apareceu livre para tocar de cabeça e tirar de Rogério Ceni, marcando o gol que abriu o placar no estádio do Pacaembu. Na volta ao segundo tempo, os dois times não tiveram mudanças, mas o clássico esquentou. Álvaro Pereira passou a irritar os palmeirenses, que caíram na estratégia do uruguaio. Mesmo assim, o Verdão foi quem levou perigo primeiro, em cobrança de falta de longe de Mazinho, que passou por todo mundo e quase complicou a defesa de Rogério Ceni. Pouco depois, Alan Kardec pediu pênalti em disputa com Antônio Carlos, mas o árbitro considerou tudo normal. Ao ver o palmeirense caído, Álvaro Pereira tentou empurrá-lo de campo, tirando a paciência de Wesley. Pouco depois, Rodrigo Caio abraçou Marquinhos Gabriel na área, mas o árbitro considerou tudo normal. No lance seguinte, o árbitro não teve dúvida, marcando pênalti de Rodrigo Caio sobre Alan Kardec. Aos 34, o próprio Kardec fez a cobrança e anotou o segundo do Verdão, assegurando o triunfo do clube na volta aos clássicos. Antes do apito final, o árbitro Luiz Flávio de Oliveira ainda sentiu lesão muscular e pediu para ser substituído.

FICHA TÉCNICA PALMEIRAS SÃO PAULO

2 0

Local: Pacaembu, em São Paulo (SP) Árbitro: Luiz Flávio de Oliveira (SP) Palmeiras: Fernando Prass; Wendel, Lúcio, Wellington (França) e Juninho; Marcelo Oliveira, Wesley, Valdivia e Mazinho (Diogo); Leandro (Marquinhos Gabriel) e Alan Kardec. Técnico: Gilson Kleina São Paulo: Rogério Ceni; Luis Ricardo, Rodrigo Caio, Antônio Carlos e Álvaro Pereira; Maicon, Wellington e Paulo Henrique Ganso (Ewandro); Ademilson, Luis Fabiano e Osvaldo (Jadson). Técnico: Muricy Ramalho Gols: Palmeiras: Valdivia, aos 22mins do 1º tempo, e Alan Kardec, aos 34mins do 2º tempo Cartões: Leandro e Juninho (Palmeiras). Rodrigo Caio, Álvaro Pereira e Luis Fabiano (São Paulo) (A)

lista de Futebol (FPF) e a TV responsável pela transmissáo informaram que a partida contra a Ponte Preta não poderia ser adiada devido a “diversos compromissos”. O time não queria jogar hoje devido aos incidentes com a torcida. O time apresentou as mesmas falhas da última quartafeira (29), quando foi goleado pelo Santos. Além de finalizar pouco, sofreu gols no início de cada tempo, após falhas, especialmente nas laterais. O primeiro nasceu de cruzamento de Ademir, da esquerda, para Alemão. No segundo, Alemão se livrou da marcação do lado direito e tocou para Ferrugem. O gol corintiano foi marcado pelo lateral esquerdo Uendel, ex-Ponte. Foi o único momento de toda a partida em que a equipe teve apresentação superior à do rival.

Imagens de invasão divulgadas O técnico Mano Menezes estava bastante emburrado ontem. Talvez menos por causa da derrota por 2 a 1 para a Ponte Preta no Moisés Lucarelli do que pela violenta manifestação de torcedores no CT Joaquim Grava, no dia anterior. Para não se estender ainda mais sobre a confusão, informou que o

Gols: Ponte Preta: Alemão, aos 3mins do 1º tempo; Ferrugem, aos 3mins do 2º tempo; Corinthians: Uendel, aos 32mins do 1º tempo

Além de exigir empenho, ofender o atacante Alexandre Pato e o gerente de futebol, Edu Gaspar, também exigiram contratações e fizeram ameaças. “Ou joga por amor ou joga por terror”, gritaram. A invasão ao CT, com agressões, furtos e ameaças por parte dos torcedores, repercutiu até momentos antes do jogo. A diretoria deu aval para que aqueles que não estivessem em condições não viajassem. Mas a delegação viajou completa, inclusive o atacante Guerrero, um dos mais abalados pelo episódio — segundo o presidente do clube, Mário Gobbi, ele foi “esganado” por torcedores na invasão. Em nota oficial, o Corinthians afirmou que a Federação Pau-

res e a outros funcionários do clube, além de furtos. Os invasores também esganaram o centroavante peruano Paolo Guerrero. “Não posso detalhar tudo, porque não vi. Foi pouco, pois eu não estava na parte aberta do CT, onde aconteceu a invasão”, esquivou-se Mano Menezes.

PORTUGUESA

Argel Fucks é o novo treinador Poucas horas após confirmar a saída de Guto Ferreira do comando da comissão técnica, a Portuguesa agiu rápido e anunciou, por meio de seu site oficial, que Argel Fucks assumirá o cargo de treinador após ser apresentado oficialmente nesta segunda-feira. O último trabalho do treinador foi no Criciúma, durante a reta final do Campeonato Brasileiro do ano passado. Argel foi um dos responsáveis por livrar o time catarinense do rebaixamento, mas ainda assim não teve seu contrato renovado para esta temporada. O técnico tem passagens por vários clubes, principalmente paulistas e catarinenses. A Lusa está em crise devido aos maus resultados no Campeonato Paulista. Nas cinco primeiras rodadas, a equipe rubro-verde fez apenas um ponto, quando empatou com o Ituano. As derrotas para Corinthians, XV de Piracicaba e Botafogo resultaram na última colocação do grupo C, posto que culmina em rebaixamento ao final do Estadual, mas o estopim para a troca de técnicos foi o revés por 4 a 2 para o Audax, na manhã de ontem. A estreia de Argel Fucks no comando da Portuguesa será a partir das 17h30 (de Manaus) desta quartafeira (5), quando a equipe do Canindé visita o Atlético Sorocaba pela sexta rodada do Paulistão.


D5

MANAUS, SEGUNDA-FEIRA, 3 DE FEVEREIRO DE 2014

FABIO CASTRO AGIF/GAZETA PRESS

Hernane 4 vezes

Hernane foi o destaque da goleada rubro-negra, com quatro tentos marcados sobre o Macaé

Com Brocador em dia inspirado, Flamengo goleou o Macaé por 5 a 2 e voltou a assumir a liderança isolada do Campeonato Carioca

O

Flamengo voltou a se isolar na liderança do primeiro turno do Campeonato Carioca, ao golear o Macaé, por 5 a 2, ontem, no Raulino de Oliveira, em Volta Redonda. Hernane marcou quatro vezes e Negueba completou. O resultado levou o time rubro-negro a abrir três pontos de vantagem sobre o Fluminense e, agora, soma 13. O Macaé segue com quatro pontos, próximo da zona de rebaixamento. Na próxima rodada, o Flamengo vai enfrentar o Boavista, em Moça Bonita. O Macaé vai receber o Friburguense, no Moacyrzão. A partida começou em ritmo lento, por causa da alta temperatura. Aos seis minutos, o Macaé perdeu a chance de abrur o placar. Marquinhos invadiu a área e foi derrubado por Léo Moura. O árbitro marcou o pênalti. Na cobrança, Marco Goiano bateu no canto direito e Felipe defendeu parcialmente. O rebote voltou para Goiano que acertou a trave esquerda. Aos 14 minutos, o time da

FICHA TÉCNICA FLAMENGO MACAÉ

5 2

Local: Raulino de Oliveira, Volta Redonda (RJ) Árbitro: Eduardo GuimarãesRibeiro Flamengo: Felipe; Léo Moura, Wallace, Erazo e André Santos; Amaral, Muralha, Elano (Negueba) e Carlos Eduardo (Gabriel); Paulinho (Samir) e Hernane. Técnico: Jayme de Almeida Macaé: Felipe Sanchez, Wallace, Filipe Machado, Cléber Carioca e Marco Goiano (Ernani); Gedeil, Digão, Dos Santos (Leozinho),Marquinho e Waldir; João Carlos. Técnico: Paulo H. Filho Gols: FLAMENGO: Hernane, aos 14, 25 e 44mins do 1º tempo e aos 7mins do 2º tempo; Negueba, aos 45mins do 2º tempo; MACAÉ: Marquinhos, aos 39min do 1º tempo e Waldir, aos 41mins do 2º tempo Cartões Amarelos: Léo Moura (Fla); Cléber Carioca, Wallace, Gedeil (Mac) Cartão Vermelho: Erazo (Fla); Ernani (Mac)

CARIOCA

Mais gols nas outras partidas O Nova Iguaçu foi superior durante a maior parte do tempo e derrotou o Bonsucesso por 2 a 0, ontem, no estádio Leônidas da Silva, em Teixeira de Castro, pela quinta rodada do Campeonato Carioca. Os gols da equipe da Baixada Fluminense foram marcados por Geovai, aos cinco minutos e Zambi aos 38, ambos no primeiro tempo. Na próxima rodada, o Nova Iguaçu enfrenta o Resende, no Estádio do Trabalhador, enquanto o Bonsucesso encara o Botafogo, em Moça Bonita. Resende e Boavista empataram por 3 a 3, no estádio do Trabalhador, em Resende. Os gols foram marcados por Clebson Monga, Gabriel e Hiroshi para o Resende, enquanto Cascata, Romário e Thiago Salles, contra, anotaram para o Boavista. O próximo compromisso do Boavista será diante do Flamengo, em Moça Bonita. O Resende receberá o Nova Iguaçu. A Cabofriense derrotou o Duque de Caxias, por 2 a 1, no Alair Corrêa, em Cabo Frio. Gleisson, de bicicleta, marcou para o Tricolor da Baixada. A Cabofriense reagiu, com gols de Victor Silva e Carlinhos, aos. Na próxima rodada, a Cabofriense receberá o Bangu no Correão, enquanto o Duque de Caxias vai encarar o Madureira, no Marentão.

Gávea marcou. Léo Moura investiu pela direita e tocou para Elano, na grande área. O meia colocou Hernane na cara do gol, que bateu de primeira. Aos 25, o Flamengo acabou com qualquer tentativa de reação. Elano lançou Paulinho na corrida, o goleiro Felipe Sanchez

Moura fez boa jogada individual, driblou três adversários e lançou Elano, na área. O chute do meia sobrou para Hernane, que só empurrou para o fundo das redes. A exemplo do que aconteceu no começo da primeira etapa, o segundo tempo começou com pouca movimentação das duas equipes. Porém, aos sete BRILHOU minutos, o Fla marcou o Camisa nove do Fla quarto gol, novamente marcou quatro gols, com Hernane. O artitrês deles no primeilheiro aproveitou a boa ro tempo. Negueba, jogada de Gabriel que que saiu do baninvadiu pela esquerda e, co para substituir quando Felipe Sanchez Elano, também fez saiu para tentar abafar o dele. Marquinho e a jogada, o meia tocou Waldir diminuíram para o Brocador apenas desviar para as redes. Jayme de Almeida ainsaiu mal para tentar cor- da trocou o meia Elano pelo tar o lançamento e a bola atacante Negueba, mas foi sobrou para Amaral tocar o Macaé que marcou, aos para o Brocador apenas 41 minutos, com Waldir rolar para o gol vazio. que se livrou de Léo Moura O esforço do Macaé foi e chutou. A bola desviou premiado aos 39 minutos. no zagueiro Samir e engaJoão Carlos ganhou da zaga nou o goleiro Felipe. Mas o e passou para Marquinho próprio Negueba fechou o bater, sem chances para placar elástico, ao marcar Felipe.O entusiasmo durou o quinto gol rubro-negro, pouco. Aos 44, o Flamen- aos 45 minutos do segundo go marcou o terceiro. Léo tempo.

CLÁSSICO

Vasco vence Bota no Maracanã No primeiro clássico do Campeonato Carioca, ontem, no Maracanã, o Vasco derrotou o Botafogo por 1 a 0, com gol marcado por Thalles, aos 28 minutos do segundo tempo. O resultado fez o time de São Januário subir para a segunda posição com 11 pontos ganhos, dois a menos do que o líder Flamengo. O Botafogo, que voltou a atuar com a equipe reserva, segue com apenas cinco, na nona colocação. O time dirigido por Adilson

Batista mereceu o resultado. Desde o primeiro minuto, o Vasco procurou o gol. O Botafogo adotou uma tática defensiva e só partiu para o ataque depois de ficar em desvantagem no placar, mas encontrou o goleiro uruguaio Martín Silva. Na próxima rodada, o Vasco enfrentará o Volta Redonda, no Raulino de Oliveira. Como adiou a partida da sexta rodada, diante do Bonsucesso, por causa do compromisso pela Libertadores, o Botafogo

voltará a jogar, pelo Campeonato Carioca, no sábado (8), contra o Friburguense, em Moça Bonita. Os dois times começaram a partida com muita disposição, com muitos jogadores concentrados no meio-campo e pouco espaço para a troca de passes. Aos cinco minutos, aconteceu o primeiro momento de perigo. O meia Renato cruzou e Rodrigo Souto cabeceou por cima do travessão. A resposta do Vasco veio aos nove minutos. Edmíl-

son arrancou pela esquerda, se livrou da marcação e bateu cruzado, mas Renan fez boa defesa. Depois dos 15 minutos, a equipe de São Januário passou a dominar o jogo. Os dois times voltaram modificados. Pedro Ken substituiu Bernardo, no Vasco, enquanto Octávio cedeu o lugar para Wallyson. O panorama era o mesmo do primeiro tempo. O Vasco tentando se aproximar da área alvinegra, enquanto o Botafogo se pre-

ocupava com o bloqueio. Aos 27 minutos, o Botafogo criou a principal chance de gol na partida. Wallyson fez ótimo lançamento para Alex que investiu pela direita e cruzou. Elias subiu livre e cabeceou no travessão. A resposta do Vasco foi fulminante. Aos 28 minutos, a equipe cruz-maltina marcou o primeiro gol.Marlon lançou Edmílson que se livrou de Dankler e cruzou para Thalles meter a cabeça e colocar nas redes de Renan.

LUCIANO BELFORD AGÊNCIA ELEVEN/GAZETA PRESS

FICHA TÉCNICA VASCO BOTAFOGO

1 0

Local: Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ) Árbitro: Rodrigo Carvalhaes de Miranda Vasco: Martín Silva, André Rocha, Luan, Rodrigo e Marlon; Guiñazu, Aranda e Fellipe Bastos (Thalles); Bernardo (Pedro Ken), William Barbio e Edmilson (Danilo). Técnico: Adílson Batista Botafogo: Renan, Alex, Dankler, André Bahia e Anderson; Fabiano, Rodrigo Souto, Renato (Daniel), Octávio (Wallyson) e Gegê (Henrique); Elias. Técnico: Eduardo Húngaro Gols: VASCO: Thalles, aos 28 minutos do segundo tempo Cartões Amarelos: Aranda, Guiñazu, Martín Silva(Vas);Alex Santos(Bota)

Único gol da noite na vitória vascaína foi marcado por Thalles, aos 28 minutos do segundo tempo


D6

MANAUS, SEGUNDA-FEIRA, 3 DE FEVEREIRO DE 2014

Vence, mas não convence O Atlético-MG derrotou o Nacional por 2 a 1, com gol do atacante Jô no finalzinho do segundo tempo, mas futebol apagado decepcionou a torcida que compareceu ao estádio Independência

O

torcedor atleticano que marcou presença ontem, no Independência, e que esperava ver o Atlético-MG em alto nível, teve que voltar para a casa frustrado. O Galo encontrou dificuldades na marcação do Nacional, mas venceu por 2 a 1, vitória de virada e na base do sufoco. Na sequência do Campeonato Mineiro, o Atlético-MG terá compromisso nesta quarta-feira (5), diante do Tombense, também no Independência. Já o Nacional visitará a Caldense, no Ronaldão, em Poços de Caldas. o Galo iniciou o duelo pressionando o adversário para impor o fator mando de campo, que foi decisivo na temporada passada. Já o Nacional mostrou muita preocupação com o setor defensivo, diminuindo os espaços atleticanos e arriscando algumas jogadas nos contra-ataques. Na melhor oportunidade alvinegra, Guilherme recebeu assistência de Marcos Rocha em cobraça de lateral dentro da área, mas o jogador mandou uma verdadeira bomba sobre a meta de João Carlos. Aos 34, Jô também teve uma boa chance de abrir o placar no Horto, mas a zaga do Búfalo aliviou o perigo na hora da conclusão. Aos 41, Jô voltou a tentar o gol, mas parou no goleiro do Nacional. Na volta para a etapa final, o Galo se mostrou mais animado para perseguir o gol. Logo aos dois minutos, Fernandinho fez

Com dores, Borges será reavaliado

YURI EDMUNDO/GAZETA PRESS

jogada individual e sofreu falta na entrada da área. Na cobraça, Dátolo acertou o travessão de João Carlos, levantando o torcedor alvinegro no Horto. O lance deu a impressão que o Atlético-MG teria um segundo tempo melhor, mas não passou de um lampejo. Aos 15, Emerson fez falta na entrada da área e levou a pior, sofrendo grave fratura no tornozelo e sendo retirado de campo ambulância. Como se não bastasse o defensor ainda foi expulso. O Nacional então passou a gostar do jogo e obrigou Victor a fazer vários milagres para salvar o Atlético-MG. Aos 17, nem o goleiro conseguiu ajudar o Galo, e em cruzamento da esquerda, a zaga atleticana ficou olhando e Jonathan apareceu sozinho na pequena área para abrir o placar. Aos 25, o zagueiro Américo recebeu o segundo amarelo e foi expulso, deixando a partida em igualdade no número de atletas em campo. Aos 28, finalmente o Atlético-MG conseguiu balançar as redes em 2014. Dátolo acertou cruzamento perfeito para Jô, que mergulhou de cabeça entre os zagueiros do Búfalo para deixar tudo igual no marcador. Na base da pressão, o Galo passou a agredir os visitantes na busca dos três pontos, e aos 44, brilhou a estrela de Jô, que anotou um gol de placa, com um toque por cobertura para dar a vitória ao time da capital.

Apesar de o time não ter agradado aos torcedores, Jô brilhou e marcou os dois gols do Atlético-MG

FICHA TÉCNICA ATLÉTICO-MG NACIONAL

2 1

Local: Arena Independência, em Belo Horizonte (MG) Árbitro: Wanderson Alves de Souza (CBF/FMF) Atlético-MG: Victor; Marcos Rocha, Emerson, Leonardo Silva e Dátolo; Pierre, Josué (Neto Berola), Diego Tardelli e Guilherme (Jemerson); Fernandinho (Rosinei) e Jô. Técnico: Paulo Autuori Nacional: João Carlos; Leandrinho, Márcio Alemão, Américo e Badé; Marcão, Hildo, Léo Medeiros (Fabrício) e Júnior Lemos (Guilherme); Jonathan e Nei Mineiro (Rafael Silva). Técnico: Marcelo Cabo Gols: Atlético-MG: Jô, aos 28 e aos 44mins do 2º tempo; Nacional: Jonathan, aos 17mins do 2º tempo Cartões amarelos: (Atlético-MG) Emerson, Leonardo Silva (Nacional) Nei Mineiro, Américo, Leandrinho, Fabrício, Márcio Alemão, Hildo Cartões vermelhos: (AtléticoMG) Emerson (Nacional) Américo, Márcio Alemão

Grêmio e Juventude só empatam

EDU ANDRADE/FATOPRESS/GAZETA PRESS

gol mandante, defendido por Fernando. Após o barulho, o arqueiro foi ao chão e colocou a mão nos ouvidos. Porém, a atitude se repetiu aos 38 minutos, desta vez, com um rojão. Por pouco, o artefato não atingiu o arqueiro do Juventude. Atuando em seus domínios, o Juventude não tomou conhecimento da equipe titular do Grêmio e inaugurou o placar logo aos 14 minutos. Após cobrança de escanteio na esquerda, Diogo Oliveira aproveitou uma bola espirrada pela zaga tricolor e finalizou de primeira. Livre na área, o centroavante Zulu desviou de cabeça e tirou as chances de defesa de Marcelo Grohe. Aos 31 minutos, o Grêmio conseguiu a igualdade em Caxias do Sul. O lateral-esquerdo Wendell avançou pelo meio e acionou Jean Deretti, substituto de Máxi Rodríguez. O meia chutou firme e exigiu grande defesa de Fernando. Porém, no rebote, lá estava o defensor, que não desistiu da jogada e anotou o gol tricolor.

O ano de 2013 não foi dos melhores para Borges, que conviveu com lesões. A expectativa era ter uma temporada sem visitar o departamento médico. Porém, avante foi obrigado a deixar o campo mais cedo no duelo do último sábado (1º), contra a Caldense, em Poços de Caldas. Ele sentiu dores na coxa direita e teve que ser substituído por Marcelo Moreno. Visivelmente chateado, Borges não quis conversar com a imprensa. O médico Sérgio Freire Júnior afirmou que o atleta será reavaliado hoje, mas inicialmente existe a suspeita de lesão, que pode tirá-lo dos gramados por algumas semanas. “Ele sentiu uma dor mais aguda na parte anterior da coxa direita e a gente sempre suspeita de lesão. Já iniciamos tratamento com gelo e na segunda-feira a gente reavalia para ter uma definição. Depende de como ele vai se reapresentar na reavaliação”, disse Júnior. A possível lesão de Borges acontece no mesmo momento em que o Cruzeiro anunciou a venda de Vinícius Araújo para o Valência, da Espanha. Com isso, o técnico Marcelo Oliveira passa a contar com o boliviano Marcelo Moreno como substituto imediato caso Borges fique fora de combate.

PARANAENSE

EM CAXIAS

A estreia da equipe titular do Grêmio na temporada não agradou. Atuando no estádio Alfredo Jaconi, em Caxias do Sul, o Tricolor empatou com o Juventude em 1 a 1, pela quinta rodada do Campeonato Gaúcho. Com o resultado, os comandados de Enderson Moreira seguem na liderança do Grupo B, com oito pontos. Por sua vez, o clube serrano, com a mesma pontuação,é o terceiro da Chave A. Na próxima rodada, o Grêmio mede forças com o Veranópolis, na Arena, nesta quarta-feira (5), às 17h30 (de Manaus). Por sua vez, o Juventude terá pela frente o Passo Fundo, sábado (8), às 18h30, no estádio Vermelhão da Serra. No entanto, tal embate é válido pela sétima rodada, já que o clássico municipal diante do Caxias está agendado para o dia 26. Lamentavelmente, a partida foi marcada por dois incidentes. No minuto inaugural da segunda etapa, a torcida do Grêmio arremessou um pequeno explosivo, que estourou dentro do

CRUZEIRO

FICHA TÉCNICA JUVENTUDE GRÊMIO

1 1

Local: Estádio Alfredo Jaconi, em Caxias do Sul-RS Árbitro: Francisco de Paula dos S. Silva Neto Juventude: Fernando; Rafael Pereira, Éverton, Diogo e Julinho; Leandro Melo, Jardel (Yan) e Mika; Diogo Oliveira (Juliano); Douglas Vieira (Rogerinho) e Zulu. Técnico: Geraldo Delamore Grêmio: Marcelo Grohe; Pará, Rhodolfo, Bressan e Wendell; Edinho (Cristian Riveros), Ramiro, Zé Roberto e Máxi Rodríguez (Jean Deretti); Kleber (Paulinho) e Hernán Barcos. Técnico: Enderson Moreira Gols: JUVENTUDE: Zulu, aos 14mins do 1º tempo; GRÊMIO: Wendell, aos 31mins do 2º tempo Cartões amarelos: Diogo Oliveira (Juventude); Rhodolfo e Bressan (Grêmio)

Lateral-esquerdo, Wendell marcou gol, que evitou a derrota gremista diante do Juventude

Furacão de Petkovic é derrotado O time sub-23 do Atlético-PR, comandado por Petkovic, segue sem vencer no Campeonato Paranaense 2014 e, desta vez, voltou de Paranaguá com uma derrota por 2 a 1 para o Rio Branco, no Gigante do Itiberê. Com o resultado, o Furacão cai para penúltimo, com dois pontos, enquanto o Leão da Estradinha, com nove, chega à vice-liderança. A equipe do litoral abriu o placar aos 17 minutos da primeira etapa, com Ricardo Ehle, que aproveitou cobrança de escanteio. No segundo tempo, Fumaça, aos seis minutos, fez o segundo. Mosquito descontou, aos 34 minutos. Na próxima rodada, o Rio Branco enfrenta o J.Malucelli, no Eco Estádio Janguito Malucelli, em Curitiba. Já o Atlético-PR terá o clássico diante do Coritiba, na Vila Capanema.

GIRO PELOS ESTADUAIS SANTA CRUZ DERROTA O BAHIA Na abertura da rodada de ontem da Copa do Nordeste, o Santa Cruz soube aproveitar o apoio da torcida que marcou presença no estádio Lacerdão, em Caruaru, e derrotou o Bahia por 2 a 1, com gols de Luciano Sorriso e Raul. Rhayner diminuiu para o Bahia, que deixou o campo reclamando muito da expulsão de Fahel. Com o resultado, o Santa Cruz chegou aos oito pontos e “roubou” a segunda colocação do Bahia, com sete pontos. O Santa visita o já eliminado Vitória da Conquista na última rodada, enquanto o Bahia medirá forças com o líder CSA, na Arena Fonte Nova.

VILA NOVA DOMINA ATLÉTICO-GO Atlético e Vila Nova disputaram o primeiro clássico goiano da temporada, ontem, no Serra Dourada. O Tigre levou a melhor sobre o Dragão e venceu por 1 a 0, com gol de Luis Marques. Um dos últimos invictos no Campeonato Goiano, o Vila Nova alcança a liderança do Grupo B, com nove pontos em cinco jogos. A equipe rubro-negra, também com nove pontos, segue na segunda colocação do Grupo A, três atrás do líder Goiás. Agora, o Dragão volta as atenções para quarta-feira (5), quando recebe a Aparecidense. Já o Vila Nova visita o Anápolis, no estádio Municipal Jonas Duarte.

JOINVILLE E CHAPE FICAM NO ZERO A Chapecoense não pode reclamar da sorte na partida de ontem, na Arena Joinville. Atuando diante de um time entrosado e com marcação adiantada, o Verdão do Oeste não viu a cor da bola, mas contou com a ajuda das três traves de uma meta para não sair derrotado. No duelo dos grandes que ainda não haviam vencido no Catarinense, o JEC pressionou, lutou, mas não conseguiu fazer gols e apenas empatou por 0 a 0. Nesta quarta-feira (5), o Joinville enfrenta o Avaí, na Ressacada, enquanto a Chape recebe o Figueirense, na Arena Índio Condá, em Chapecó.


D7

MANAUS, SEGUNDA-FEIRA, 3 DE FEVEREIRO DE 2014

‘Daria a vida do meu filho por você’ Após silêncio sobre polêmica transferência para o Barcelona, Neymar desabafou em uma rede social e defendeu o pai de você aqui... é questão de tempo pra perceberem que você não fez nada de errado... só foi meu pai na plenitude !! Te amo e tamos juntos !!!! Eh TOIS”, afirmou Neymar Júnior em outra parte. O atacante se recupera de lesão sofrida no tornozelo direito, em partida contra o Getafe, disputada há duas semanas. Na última sexta-feira

VALORES

Em 2011, o pai de Neymar já havia recebido 10 milhões de euros (R$ 33 milhões) para assegurar o destino do craque ao clube catalão. Mas a venda só aconteceu em maio de 2013

Daniel Alves evitou eleger um culpado do Barcelona pela derrota para o Valencia, por 3 a 2, no último sábado (1º). O lateral-direito, porém, fez questão de demonstrar que ficou insatisfeito com o comportamento da torcida culé em pleno Camp Nou e pediu mais apoio nos próximos jogos. “Às vezes, tenho a sensação de que jogamos fora de

casa. A conexão tem que ser positiva”, desabafou o brasileiro depois do revés, válido pelo Campeonato Espanhol. Já sobre a atuação do time, o principal problema, de acordo com ele, foi o fato de ter sido “previsível” demais. “Não foi um problema de excesso de confiança. Se a gente

(31/1), ele voltou a treinar com bola. A previsão inicial era de que o craque ficasse longe dos gramados por três ou quatro semanas, mas, diante da boa evolução da lesão, o retorno pode acontecer antes.

ESPANHA DIVULGAÇÃO

Brasileiro Dante marcou quarto gol da vitória do time bávaro

Bayern de Munique goleia Eintracht Frankfurt por 5 a 0 dar o jogo, criando chances com Rafinha e Götze antes de Ribéry ampliar a vantagem aos 44 minutos. Na etapa complementar, aos dois minutos, Robben recebeu de Götze dentro da área e bateu de canhota para fazer o terceiro do Bayern. No lance seguinte, em escanteio levantado na área, o brasileiro Dante cabeceou com segurança. O golpe de misericórdia veio no último minuto. Mandzukic recebeu de Robben dentro da área e bateu de esquerda, acertando o ângulo e dando números finais ao triunfo do time da casa.

tivesse controlado mais a situação e não tivéssemos sido muito previsíveis, teríamos marcado um gol a mais”, explicou. Nesta quarta-feira (5), os comandados do técnico “Tata” Martino jogam contra a Real Sociedad, para tentar conseguir uma boa vantagem nas semifinais da Copa do Rei. Ambos voltarão a se enfrentar no dia 12, no Anoeta.

Craque se declarou ao pai e gerou críticas de fãs na internet por “sacrificar” o filho

O caso Neymar se transferiu ao Barça em julho do ano passado, após conquistar o tetracampeonato da Copa das Confederações com a Seleção. Na época, os valores não foram divulgados, mas, meses depois, o até então diretor Josep Maria Bartomeu revelou que o negócio custou 57 milhões de

ALEMANHA

O Bayern de Munique voltou a dar show pelo Campeonato Alemão, ontem. Ao receber o Eintracht Frankfurt pela 19ª rodada, os bávaros chegaram a 11 triunfos seguidos. O zagueiro brasileiro Dante marcou o quarto gol e Götze, Ribéry, Robben e Mandzukic completaram o placar de 5 a 0. O time da casa marcou o primeiro gol logo aos 12 minutos, quando Mandzukic ajeitou de cabeça para Mario Götze chutar cruzado do lado direito da área e acertar o ângulo oposto do goleiro Trapp. Com a vantagem, os bávaros passaram a coman-

euros (R$ 180 milhões). Este valor passou a ser adotado como oficial até mesmo pelo até então presidente do clube, Sandro Rosell. Porém, há pouco mais de duas semanas um sócio do clube catalão acusou o mandatário de desviar 40 milhões de euros (R$ 130 milhões) a uma empresa do pai de Neymar durante a transação. Ainda segundo a acusação, devem ser contabilizados as luvas, as parcerias sociais e de marketing e o acordo de prioridade com o Santos, que elevariam os valores da transferência aos 86,2 milhões de euros (R$ 284,5 milhões).

DIVULGAÇÃO

N

eymar quebrou o silêncio, ontem, por meio de conta no Instagram, e falou sobre a polêmica transferência para o Barcelona, em junho do ano passado. O craque da seleção brasileira defendeu seu pai — que na última semana concedeu entrevista coletiva para dar detalhes sobre a transação — e disse que até daria a vida do próprio filho, Davi Lucca, por ele. O jogador enaltece a postura do pai, que admitiu ter recebido 40 milhões de euros (R$ 130 milhões) pelo acordo: R$ 10 milhões como adiantamento, em 2011, e os outros R$ 30 milhões, quando da assinatura do contrato com o Barça. “Queria te agradecer pela forma que você conduziu minha carreira, pelas empresas que criou em torno do meu trabalho e pela forma que você cuidou da nossa família”, escreveu. “Se joguei no nosso time do coração (Santos FC) e hoje jogo no meu time dos sonhos (FC Barcelona) devo isso a você. Sei que muita gente está falando um monte de besteiras a nosso respeito, duvidando até do nosso caráter...”, completa o texto publicado por Neymar, que aproveitou para se declarar ao pai, que está no Brasil para resolver o problema. “Por você não só morreria como daria a vida do meu único filho por vc!! Por isso te peço... volta pra Espanha, tô com saudades !! Mais alguns dias tô voltando a jogar e preciso

Dani Alves critica os torcedores

INGLATERRA

Atlético de Madrid goleia e se torna o líder isolado

Arsenal vence Crystal Palace e retoma a ponta da tabela

Com uma goleada convincente por 4 a 0 sobre a Real Sociedad, no Vicente Calderón, o Atlético de Madrid chegou aos 57 pontos e superou o Barcelona, que dividia a liderança com a equipe da capital até perder em casa para o Valencia, no último sábado (1º). Há 18 anos o Atlético não assumia a primeira colocação do Campeonato Espanhol de forma isolada. David Villa, aos 38 mi-

Com a missão de ultrapassar o Manchester City e retomar a liderança do Campeonato Inglês, o Arsenal recebeu o Crystal Palace, ontem, e conquistou o objetivo até com certa tranquilidade. Dominando a posse de bola durante todo o jogo, o time vermelho balançou as redes duas vezes com Chamberlain e venceu por 2 a 0. Com este resultado, os Gunners voltam a ocupar a ponta da tabela de classificação. Com 55 pontos, deixam o City para trás e, hoje, assiste de camarote ao duelo entre

nutos, abriu o placar para a equipe de Madri. Diego Costa ampliou aos 27 do segundo tempo e depois deixou o campo lesionado. O hispano-brasileiro virou dúvida para o clássico contra o Real Madrid, nesta quarta-feira (5), válido pelo jogo de ida da semifinal da Copa do Rei. Outros dois brasileiros fecharam o placar. O zagueiro Miranda fez o terceiro, e Diego marcou o quarto.

ITÁLIA

Lazio bate Chievo e ganha moral para jogar clássico A Lazio não sentiu saudade de Hernanes no seu primeiro jogo sem o volante. Ontem, o time de Roma não teve muitas dificuldades para vencer o Chievo por 2 a 0 fora de casa, consolidando-se na primeira metade da tabela de classificação do Campeonato Italiano. O meia Candreva, logo aos seis minutos, e o atacante Keita, aos 26 do segundo, marcaram os gols visitantes no Stadio Mar-

cantonio Bentegodi, em Verona. O zagueiro André Dias atuou durante os 90 minutos e não foi vazado. Já o meia Felipe Anderson ficou no banco de reservas. Na nona colocação, com 31 pontos, a Lazio volta todas as suas atenções para o clássico da capital italiana, diante da Roma, vice-líder do Nacional. O duelo será domingo (9), no Olímpico de Roma, pela 23ª rodada, e deverá pegar fogo.

o time de Manchester e o Chelsea, respectivamente o segundo e o terceiro colocados do Nacional. O Crystal Palace, por sua vez, segue na luta contra o rebaixamento, com 23 pontos. Agora, o time vermelho volta às atenções para o clássico contra o Liverpool, no sábado (8). As equipes se enfrentam em Anfield Road pela 24ª rodada do Inglês. Pela mesma rodada, o Crystal Palace recebeRÁ o West Bromwich — com apenas um ponto a menos e primeiro na zona do descenso — no Selhurst Park.

Liverpool desperdiça chance Ainda lutando pelo título inglês, o Liverpool teve a chance, mas não conseguiu pressionar os líderes Manchester City, Arsenal e Chelsea. Também na tarde de ontem, os Reds cederam um empate ao ameaçado West Bromwich por 1 a 1, fora de casa, pela 24ª rodada. No Hawthorns, os visitantes saíram na frente com o atacante Sturridge, que aproveitou assistência de

Suárez. Tudo ia bem para o time do técnico Brendan Rodgers, não fosse um erro grotesco do experiente zagueiro Kolo Touré, faltando 20 minutos para o fim. O marfinense errou passe na própria área e viu o meia Anichebe empatar a partida. Touré lamentou a falha fatal, que acabou custando dois pontos ao Liverpool. Agora, o pensamento é o clássico com o Arsenal, sábado (8).


D8

MANAUS, SEGUNDA-FEIRA, 3 DE FEVEREIRO DE 2014

DIVULGAÇÃO

Laís fala as ‘primeiras’ palavras

SuperBowl vale o triplo da Copa

Brasileira teve leve melhora e médicos já acreditam que atleta poderá recuperar as funções respiratórias

A

ex-ginasta e esquiadora Laís Souza apresentou leve melhora no quadro clínico, de acordo com o médico Antônio Marttos Jr., do Comitê Olímpico Brasileiro (COB), que acompanha a brasileira no Hospital Universitário de Utah, em Salt Lake City, nos Estados Unidos, onde ela se recupera de um grave acidente, sofrido na última segundafeira (27/1). “A pressão arterial está melhor, e estamos diminuindo o suporte à pressão arterial. A parte respiratória também está melhor, a frequência cardíaca, tudo está voltando a um padrão normal, sem tanta ajuda externa”, disse. “Eu digo hoje que a chance da Lais recuperar essa parte respiratória é grande”, completou. O médico explicou também que um tubo fino foi inserido na traqueia de Laís Souza,

para facilitar a passagem do ar pelas cordas vocais. Assim, foi possível compreender algumas palavras ditas pela brasileira. E há a previsão de um que um marca-passo seja colocado no diafragma da atleta nos próximos dias, com a intenção de ajudar na respiração. No início da última semana, Laís sofreu uma queda quando esquiava, em preparação para os Jogos Olímpicos de Inverno de Sochi 2014, e se chocou com uma árvore. A brasileira deslocou a terceira vértebra da coluna cervical e precisou ser operada. Depois, também passou por uma traqueostomia e uma gastrostomia, com a intenção de melhorar a respiração e a alimentação. A atleta, que está sem movimentos nos braços e pernas, já participou de duas Olimpíadas — Ate-

nas/2004 e Pequim/2008 —, como ginasta. Às vésperas dos Jogos de Londres/2012, poré, foi cortada da equipe por causa de uma lesão. Depois disso, ela deixou aceitou o convite da Confederação Brasileira de Desportos da Neve (CBDN) para aprender a praticar o esqui aéreo.

DIVULGAÇÃO

SCHUMACHER

Até seis meses para acordar Internado em coma induzido há 35 dias, Michael Schumacher pode levar até seis meses para acordar. A informação foi revelada em comunicado oficial emitido ontem, pela assessoria do alemão, que sofreu traumatismo craniano após sofrer um acidente enquanto esquiava nos Alpes franceses. “A sedação de Michael está sendo reduzida de modo a permitir o início do processo

Ex-piloto de Fórmula 1 pode demorar até seis meses para sair do coma

de acordar. Mas isso pode levar um longo tempo”, afirmou Sabina Kehm, assessora do heptacampeão mundial da Fórmula 1. Durante a última semana, a imprensa europeia afirmou que Schumacher apresenta relativa melhora e reage aos testes físicos. Apesar disso, o médico Clemens Pahl, especialista em traumas no cérebro do Hospital do Kings College, em Londres, mantém a cautela em relação à DIVULGAÇÃO evolução do ex-piloto. “A melhora significa que os médicos provavelmente já viram uma redução na pressão do crânio”, declarou. “Mas pode ser que o inchaço em seu cérebro ainda não tenha chegado ao fim. Assim, talvez seja necessário aumentar os medicamentos de novo”, completou.

FUTEBOL

Brasileira conseguiu falar algumas palavras, mas ainda não mexe braços e pernas

O futebol americano, com apenas um jogo, é mais valioso do que uma Copa do Mundo. A afirmação foi feita em um levantamento da Forbes: a marca do Super Bowl, a final da liga profissional do esporte dos Estados Unidos, vale US$ 464 milhões (R$ 1,1 bilhão), quase o triplo do valor da marca do Mundial, estipulado em US$ 160 milhões (R$ 388 milhões). Dessa forma, o Super Bowl é, disparado, o evento esportivo mais rico de todo o planeta. O segundo maior é a Olimpíada, avaliada em US$ 348 milhões (R$ 844 milhões). O evento da Federação Internacional de Futebol Associado (Fifa) ocupa a terceira colocação na avaliação da publicação. A importância do Super Bowl é tão grande nos Estados Unidos que a Fox, detentora dos direitos de transmissão da partida deste ano no país, cobrou em média US$ 4 milhões (R$ 9,7 milhões) por um comercial de 30 segundos durante a partida, segundo a mídia americana. Mesmo com o valor nas alturas, o canal vendeu todos os espaços dois meses antes do jogo. Segundo um levantamento feito pela Forbes, os últimos quatro Super Bowls foram os quatro eventos mais assistidos nos Estados Unidos.

FÓRMULA 1

Alonso é favorito, diz Felipe Massa

DIVULGAÇÃO

Destaque da pré-temporada de Jerez de La Frontera (ESP), onde foi o segundo colocado e líder, respectivamente, nos últimos dois dias de testes, Felipe Massa não se vê como favorito ao título da Fórmula 1. Para o piloto da Williams, o ex-companheiro Fernando Alonso deve se beneficiar das mudanças no regulamento da categoria e guiar a Ferrari de volta ao topo. “Fernando é muito inteligente, já trabalhou em cima do novo regulamento e sabe o que precisa fazer para ser imediatamente rápido. Ele combina talento com experiência e tem uma inteligência viva, então sabe o que é necessário fazer com essas mudanças nas regras”, afirmou o ex-integrante da escuderia italiana. Apesar disso, o brasileiro ressalta que outro velho conhecido pode superar o espanhol e voltar a conquistar um título da maior categoria do automobilismo mundial. “De qualquer forma, os carros são muito diferentes. Nunca se sabe. Eles podem atender melhor o estilo de Kimi (Raikkonen) do que o de Fernando. Vamos ver”, completa.

Brasileiro se destacou nos testes, mas acredita em espanhol

Pilotos são bons de ‘bolso’ Ofuscados pelo domínio de Sebastian Vettel nos últimos quatro anos da Fórmula 1, o espanhol Fernando Alonso e o britânico Lewis Hamilton ainda podem comemorar a primeira fila na lista de salários. Os dois seriam os pilotos mais bem pagos do Mundial com R$ 65 milhões anuais.

A lista foi publicada pelo site The Richest, que apontou uma evolução no rendimento de Vettel, tetracampeão consecutivo. Agora, o alemão da Red Bull divide a terceira colocação com Jenson Button, ambos recebendo R$ 52 milhões. No ano passado, o piloto era quarto com R$39.

GIRO PELO TÊNIS REPÚBLICA TCHECA NAS QUARTAS DA DAVIS Campeã do Grupo Mundial da Copa Davis de 2013, a República Tcheca garantiu vaga nas quartas de final deste ano. Tomas Berdych anotou o terceiro ponto do país no duelo com a Holanda, em Ostrava, ontem, ao derrotar Thiemmo de Bakker por 3 sets a 0, com parciais de 6/1, 6/4 e 6/3. A vitória no confronto se deve quase toda ao número 7 do mundo. Depois de Radek Stepanek perder o primeiro jogo do duelo, ele iniciou a reação ao derrotar Igor Sijsling. Depois, Berdych e Stepanek venceram a partida de duplas sobre Haase e Jean-Julien Rojer

PAVLYUCHENKOVA SURPREENDE FAVORITAS A russa Anastasia Pavlyuchenkova derrotou mais uma favorita no Premier de Paris. E, desta vez, valendo o título. Ontem, ela venceu a italiana Sara Errani de virada por 2 sets a 1, com parciais de 3/6, 6/2 e 6/3, e conquistou o prestigiado torneio francês. Dona da 26ª colocação do ranking mundial, Pavlyuchenkova também deixou para trás na semifinal uma das favoritas ao título, a compatriota Maria Sharapova, cabeça de chave 1 em Paris. No confronto entre elas, no sábado (1º), ela também perdeu o primeiro set, mas se recuperou e venceu de virada.

MAKAROVA CONQUISTA TÍTULO A russa Ekaterina Makarova conquistou pela segunda vez um título do circuito profissional feminino de tênis. Ontem, ela derrotou a tcheca Karolina Pliskova por 2 sets a 0, parciais de 6/3 e 7/6 (9-7) e se sagrou campeã do WTA de Pattaya City, na Tailândia. O troféu é o segundo de Makarova — foi campeã de Eastbourne-2010. Ela tem ainda dois vice-campeonatos de simples, ambos em 2009. Naquele ano, ela alcançou as decisões dos WTAs de Fez e Estoril, mas perdeu para a espanhola Anabel Medina Garrigues e a belga Yanina Wickmayer, respectivamente.

Pódio - 3 de fevereiro de 2014  

Pódio - Caderno de esportes do jornal Amazonas EM TEMPO

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you