Issuu on Google+

ALBERTO CÉSAR ARAÚJO

MANAUS, TERÇA-FEIRA, 29 DE ABRIL DE 2014

esportes@emtempo.com.br

Em ponto de

bala Nacional vai enfrentar o time do Corinthians, amanhã, pela segunda fase da Copa do Brasil. Uma das armas do Leão da Vila Municipal é o atacante Carlinhos Bala (foto) que treinou, ontem, na Arena da Amazônia, com os reservas, mas deve entrar jogando contra a equipe paulista. Pódio E7

Famosos comem banana em apoio a Daniel Alves Pódio E8


E2

MANAUS, TERÇA-FEIRA, 29 DE ABRIL DE 2014

CLICK ESPORTIVO

CHARGE

Companhia aérea irá homenagear o piloto da Fórmula 1, Ayrton Senna, por meio de uma parceria com o instituto que leva seu nome: uma adesivagem especial para lembrar o ídolo do país.

ARTILHARIA

FRASE

Total de gols marcados

O que Daniel Alves teve de tolerar no último domingo foi revoltante. Na Copa a tolerância será zero

16

Joseph Blatter, presidente da Fifa, ao expressar sua indignação com o preconceito contra Daniel Alves

Tabelas do Brasileirão SÉRIE A

Time 1º Fluminense 2° São Paulo 3° Corinthians 4° Atlético-PR 5° Cruzeiro 6° Internacional 7° Sport 8° Goiás 9° Bahia 10° Grêmio 11° Palmeiras 12° Santos 13° Coritiba 14° Vitória 15° Atlético-MG 16° Chapecoense 17° Flamengo 18° Botafogo 19° Criciúma 20° Figueirense

2014 SÉRIE B

PG

J

V

E

D

GP

6 4 4 4 4 4 4 4 3 3 3 2 2 1 1 1 1 1 0 0

2 2 2 2 2 2 2 2 2 2 2 2 2 2 2 2 2 2 2 2

2 1 1 1 1 1 1 1 1 1 1 0 0 0 0 0 0 0 0 0

0 1 1 1 1 1 1 1 0 0 0 2 2 1 1 1 1 1 0 0

0 0 0 0 0 0 0 0 1 1 1 0 0 1 1 1 1 1 2 2

4 4 2 3 3 3 3 1 3 2 2 1 0 2 1 1 0 2 1 0

Zona de classificação para a Libertadores Zona de rebaixamento

GC SG 0 1 0 2 2 2 2 0 2 2 2 1 0 3 2 2 2 5 3 5

4 3 2 1 1 1 1 1 1 0 0 0 0 -1 -1 -1 -2 -3 -2 -5

Time 1º América-MG 2° Náutico 3° Bragantino 4° ABC 5° Luverdense 6° América-RN 7° Paraná Clube 8° Joinville 9° Sampaio Correa-MA 10° Oeste 11° Ceará 12° Atlético-GO 13° Ponte Preta 14° Santa Cruz-PE 15° Portuguesa 16° Vasco 17° Boa Esporte Clube 18° Vila Nova-GO 19° Icasa 20° Avaí

SÉRIE C

PG

J

V

E

D

GP

4 4 4 4 4 3 3 3 3 3 3 2 2 2 1 1 1 1 1 0

2 2 2 2 2 2 2 1 2 2 2 2 2 2 1 2 2 2 2 2

1 1 1 1 1 1 1 1 1 1 1 0 0 0 0 0 0 0 0 0

1 1 1 1 1 0 0 0 0 0 0 2 2 2 1 1 1 1 1 0

0 0 0 0 0 1 1 0 1 1 1 0 0 0 0 1 1 1 1 2

4 4 4 2 2 4 4 3 3 2 1 3 3 2 1 2 1 0 1 2

GC SG 1 2 3 1 1 3 3 2 2 2 3 3 3 2 1 3 2 2 4 5

3 2 1 1 1 1 1 1 1 0 -2 0 0 0 0 -1 -1 -2 -3 -3

PRIMEIRA FASE - GRUPO A Time 1º Cuiabá-MT 2° Paysandu 3° Botafogo-PB 4° ASA 5° CRB 6° Fortaleza 7° Salgueiro 8° Treze-PB 9° CRAC-GO 10° Águia de Marabá

PG

J

V

E

D

GP

3 3 3 0 0 0 0 0 0 0

1 1 1 0 0 0 0 1 1 1

1 1 1 0 0 0 0 0 0 0

0 0 0 0 0 0 0 0 0 0

0 0 0 0 0 0 0 1 1 1

3 2 3 0 0 0 0 2 1 0

GC SG 1 0 2 0 0 0 0 3 3 2

2 2 1 0 0 0 0 -1 -2 -2

PRIMEIRA FASE - GRUPO B Time 1º Madureira 2° Mogi Mirim 3° São Caetano 4° Macaé 5° Tupi 6° Caxias 7° Juventude 8° Guarani 9° Guaratinguetá 10° Duque de Caxias

PG

J

V

E

D

GP

3 3 3 1 1 1 1 0 0 0

1 1 1 1 1 1 1 1 1 1

1 1 1 0 0 0 0 0 0 0

0 0 0 1 1 1 1 0 0 0

0 0 0 0 0 0 0 1 1 1

2 1 1 1 1 0 0 0 0 0

GC SG 0 0 0 1 1 0 0 1 1 2

2 1 1 0 0 0 0 -1 -1 -2


E3

MANAUS, TERÇA-FEIRA, 29 DE ABRIL DE 2014

Kardec agora é tricolor Após muitas negociações, o atacante Alan Kardec deixa o Palmeiras e transferiu seu passe para o time do São Paulo

D

epois de uma longa novela envolvendo o futuro de Alan Kardec, o presidente do Palmeiras, Paulo Nobre, resolveu falar. Em entrevista coletiva concedida ontem (28) na Academia de Futebol, o cartola confirmou que o artilheiro do Campeonato Paulista deixará o seu clube para jogar pelo São Paulo. “Senhores, venho aqui comunicar que Alan Kardec não é mais jogador da Sociedade Esportiva Palmeiras. Vou me pronunciar, estou à disposição depois. E é a única vez que vou falar sobre Alan Kardec. No sábado, fui comunicado pelo seu pai que não havia hipótese nenhuma de falar com o Palmeiras, porque ele já tinha dado a palavra ao São Paulo desde a semana passada. Diante disso, perguntei se não haveria possibilidade do Palmeiras ter acesso à proposta para estudar a possibilidade de cobrir a proposta. E a única hipótese seria rompendo

Atacante Alan Kardec transferiu seu passe para o time do São Paulo

RIC

AR

DO

SA

IBU

N/

G

E AZ

P TA

RE

SS

com ele, pai, para não administrar mais a carreira do filho, porque ele já tinha dado a palavra ao São Paulo. Diante disso, não houve a menor hipótese. Ele não continua porque não quer, porque não mediríamos esforços para manter jogador no clube”, disse Paulo Nobre.

TENTATIVA

Presidente do Palmeiras, Paulo Nobre ainda tentou convencer o jogador Alan Kardec a permanecer no clube, mas atacante desconversou e acabou se transferindo para o tricolor paulista Ataque do cartola O dirigente alviverde atacou fortemente o presidente sãopaulino Carlos Miguel Aidar e chamou o clube rival de antiético. “Tentamos de todas as maneiras, a negociação tinha até 30 dias, até o fim de

maio para acontecer. E estava muito próxima de seu final. Um time entra na negociação de uma maneira antiética. Era jogador do Palmeiras, titular do clube e com uma negociação em curso. E entra um time fazendo uma proposta e o estafe achou por bem aceitar. E o Palmeiras não tem a política de contatar primeiro o agente. O jogador estava no completo ostracismo, hoje está cotado para ir para a Copa. Isso é absolutamente antiético. E cabe reflexão. Os clubes estão totalmente desunidos, todo mundo sabe. Com clubes desunidos somos fracos, do que adianta dar um ‘passa moleque’ em alguém se você continua fraco?”, criticou. “Em nível de diretoria, a relação entre clubes é péssima desde os anos 1940 e com certeza nessa negociação não vai ser diferente. O Palmeiras não é bonzinho, somos éticos. E vamos continuar com essa política porque acreditamos que é assim que se faz política”, lembrou Nobre. “O São Paulo foi extremamente antiético, como isso não é um privilégio do Palmeiras. Se você perguntar para outros clubes, vão falar do conceito que tem o São Paulo. Isso é desde a base. Eu já fui consultado por outros presidentes porque eles têm essa prática horrorosa de assediar jogador do adversário”, afirmou.

DIVULGAÇÃO

TIMÃO

Na mira da classificação antecipada Ir até Manaus para o confronto com o Nacional-AM não foi usado por Guilherme como justificativa prévia. O volante do Corinthians espera um bom jogo na noite de amanhã (30) e a vaga antecipada à terceira fase da Copa do Brasil, obtida em caso de vitória alvinegra por ao menos dois gols de diferença. “O primeiro passo é sair com a vitória, mas é claro que não seria ruim sair de lá classificado. Claro que a gente tem todo o respeito pelo adversário, mas seria importante matar o jogo de volta. Isso daria mais uma semana de descanso e de treino para o time”, afirmou. O meio-campista lembrou que a diretoria tentou ajustar a logística da viagem para minimizar os problemas. Com embarque para o Amazonas ainda na noite de segunda, a equipe tem um treino programado para terça, na Arena

Amazônia, palco da partida do dia seguinte. “São quatro horas de voo, se não me engano, mas treinamos forte no período que tivemos antes do Campeonato Brasileiro e vamos estar prontos. Estamos indo antes para

CONVICÇÃO

O volante do Timão, Guilherme espera um bom jogo na noite de amanhã (30) e a vaga antecipada à terceira fase da Copa do Brasil, obtida em caso de vitória alvinegra por ao menos dois gols descansar e treinar, não pode ser desculpa. Vamos chegar lá para buscar a vitória”, comentou Guilherme. A situação preocupa um pouco mais porque o Corinthians

tem um jogo no Sul no final de semana. Depois de voltar do Norte, a comissão técnica avaliará a situação física dos atletas antes de definir os relacionados para o confronto com a Chapecoense, no domingo, em Santa Catarina. Mano x Sheik Mano Menezes disse que não viu, mas tomou ciência do que Emerson Sheik disse sobre ele em entrevistas recentes. Depois de saber que o atacante questionou seu caráter, o técnico, do seu jeito, rebateu o atacante. “Não tive a infelicidade de assistir, mas como noticia ruim chega rápido, estou sabendo. Em relação às opiniões dele, sinceramente não tenho interesse, não me atingem, não estou preocupado. Ele que siga a vida dele. No futebol a bola é redonda e lá na frente as coisas clareiam para saber que tem caráter”.

Volante corintiano, Guilherme espera que time saia de Manaus com uma vitória por dois gols


E4

MANAUS, TERÇA-FEIRA, 29 DE ABRIL DE 2014

Sem motivos para sorrir! No cai não cai definitivo para a Série B, a Portuguesa volta a campo nesta terça para enfrentar o Bragantino

E

m meio a polêmicas e ameaças de exclusão da Série B do Campeonato Brasileiro, a Portuguesa visita o Bragantino hoje, às 20h50 (de Manaus), no estádio Nabi Abi Chedid. Para o anfitrião, este será o terceiro jogo da competição, mas para o adversário, apenas o segundo. A Lusa entrou em campo por somente 16 minutos em sua estreia diante do Joinville e agora está atrasada. Na última partida, o clube evitou confusões ao atuar os 90 minutos e acabou no empate por 1 a 1 com o Santa Cruz. A equipe ocupa a 15ª colocação com um ponto. Para a partida desta terça, o técnico Argel Fucks espera poder contar com o zagueiro Vagner e com os recém-contratados Caion, atacante que atuava pelo Osasco Audax, e o meia Allan Dias, que defendia o RB Brasil. O camisa 10 do time, Gabriel Xavier, acredita que o Rubro-verde tem de correr atrás do atraso em relação aos adversários. “Temos que buscar uma evolução dentro da competição. Já temos o Bragantino na terça-feira. Vamos trabalhar nos próxi-

GAZET A PRE SS

Gabriel Xavier quer ter outros motivos para voltar a sorrir

Atacante não atua bem e técnico pode deixá-lo no banco

Damião não tem titularidade garantida para próximo jogo O técnico Oswaldo de Oliveira acredita que o atacante Leandro Damião não está em dívida no Santos apenas porque não vem marcando gols. Mesmo com a reclamação dos torcedores, o comandante alvinegro vê o camisa 9 “cumprindo com suas obrigações de jogador”, mas, mesmo assim não garante o centroavante entre os 11 iniciais no jogo do próximo sábado (3 de maio), diante do Grêmio, às 17h30 (de Manaus), na Vila Belmiro. Damião, por sua vez, justifica dizendo que a “bola não chega”. “Ele está devendo o quê? Está cumprindo com suas obrigações, entrando em campo, fazendo treinamentos. Então, não o vejo dever nada. As pessoas perguntam por que há uma movimentação muito grande por causa dos atrativos da negociação e, depois, por ele não ter marcado gols nos últimos jogos. Mas eu vejo com muita calma. Temos que ter essa tranquilidade”, disse Oswaldo de Oliveira.

O camisa 9, por sua vez, acredita que o Santos como um todo fez uma partida, no último sábado, muito abaixo do esperado. Ele foi substituído na volta do intervalo pelo garoto Geuvânio. “Nós não jogamos como no início do ano. Infelizmente, empatamos mais uma vez. Estou trabalhando e procurei ajudar, mas, lamentavelmente, a bola não estava chegando”, justificou. A titularidade de Damião, inclusive, pode estar em jogo. Questionado, Oswaldo de Oliveira não garantiu que colocará o centroavante entre os 11 iniciais do próximo confronto. “Cada jogo tem sua história. Nós vamos trabalhar durante a semana. Isso ainda vamos ver”, finalizou. Já o presidente em exercício do alvinegro, consciente do alto valor que investiu no camisa 9, pediu paciência com o jogador, mas admitiu que ele pode render muito mais do que vem mostrando.

Retrospecto Pelo outro lado, o Bragantino venceu o Avaí por 2 a 1 na última terça-feira (22) e está na terceira posição da tabela, com os mesmos quatro pontos de AméricaMG e Náutico, que estão

em nosso domínio. Jogaremos cautelosos, mas confiante em outra boa vitória”, afirmou. O treinador pode ter problemas para montar a equipe para o confronto diante da Lusa, uma vez que seis de seus jogadores estão no departamento médico e somente três devem ser liberados.

ATUAÇÃO

A Lusa entrou em campo por somente 16 minutos em sua estreia diante do Joinville e agora está atrasada. Na última partida, o clube evitou confusões ao atuar os 90 minutos à frente pelos critérios de desempate. Apesar dos bons resultados, o técnico Marcelo Veiga não quer que seu grupo perca o foco. “Foram dois jogos importantes e difíceis, sendo um pequeno tropeço em casa e uma boa vitória fora, mas não podemos perder o foco e temos que buscar outros resultados positivos principalmente aqui

FICHA TÉCNICA BRAGANTINO-SP PORTUGUESA-SP Local: Estádio Nabi Abi Chedid, Bragança Paulista (SP) Horário: 21h50 (de Brasília) Árbitro: Leandro Bizzio Marinho (SP) BRAGANTINO: Leandro Santos, Alex Moraes, Guilherme Mattis e Yago; Gedeílson, Francesco, Fabiano, Gustavo e Pará; Léo Jaime e Tássio Técnico: Marcelo Veiga PORTUGUESA: Gledson; Régis, Gustavo, Dejair e Eduardo; Coutinho, Diego Silva, Gabriel Xavier e Felipe Nunes; Vander e Romão Técnico: Argel Fucks

TRICOLOR/SP FERNANDO DANTAS/GAZETA PRESS

PALMEIRAS

Contratação do atacante Henrique é confirmada O Palmeiras confirmou a contratação do atacante Henrique no mesmo dia em que se despediu de Alan Kardec, agora jogador do São Paulo. O reforço de 24 anos foi emprestado pelo Mirassol até o final do ano e chegou no clube paulista com um discurso otimista. “Brigo muito pela bola, gosto muito do contato físico. Tento me superar nisso, tendo superioridade sobre os adversários por causa do vigor físico. E, dentro da área, tenho muita tranquilidade para fazer gols. Isso vem dando resultado até hoje”, propagou Henrique, que marcou sete gols pela Portuguesa no último Campeonato Paulista. No Mogi No Estadual de 2013, Henrique defendeu o Mogi Mirim e foi ainda melhor,

com oito gols. “Tive uma grande passagem por lá. Agradeço a Deus porque os últimos anos da minha carreira têm sido muito bons. Espero dar continuidade no trabalho”, discursou. No Flamengo Natural de Guarulhos, Henrique ainda passou por Flamengo-SP, Lemense, União São João, Santo André, Cianorte e Chapecoense. No Palmeiras, ele terá pele frente o maior desafio da sua trajetória profissional. “É mais uma experiência em que quero me doar ao máximo. É um ano muito importante para o clube e espero dar a minha colaboração, ficando marcado na história do Palmeiras. Quero aproveitar essa passagem da melhor maneira possível”, concluiu o candidato a sucessor de Alan Kardec.

Técnico admite um bom começo do São Paulo no Brasileirão

Muricy: equipe evoluindo em um Campeonato longo

DIVULGAÇÃO

RICARDO SAIBUN/GAZETA PRESS

SANTOS

mos treinos para corrigir os erros e fazer um bom jogo lá (em Bragança Paulista)”.

Henrique chega ao Palmeiras para “assumir” vaga de Kardec

O técnico Muricy Ramalho está satisfeito com o que o São Paulo apresentou nas duas primeiras rodadas do Campeonato Brasileiro. Apesar da dificuldade encontrada no empate por 1 a 1 contra o Cruzeiro, na tarde de domingo (27), o treinador observa evolução em sua equipe. “Nosso time está melhorando em todos os sentidos, mas o campeonato é muito longo e só teremos uma opinião melhor na retomada depois da Copa do Mundo”, afirmou o treinador. Na rodada de abertura do Nacional, o Tricolor atuou em seus domínios e derrotou o Botafogo por 3 a 0. Já no segundo jogo, o time de Muricy saiu atrás do placar, mas empatou por 1 a 1 contra o Cruzeiro nos acréscimos. “Estamos ainda entrosando o time. Desde o começo do ano, mudamos muitos jogadores e chegaram outros, ou seja, estamos mudando a

maneira de jogar. Às vezes, jogamos com dois meias, mas, em outras, usamos três atacantes. Estamos definindo... O que chamou a atenção nesses dois jogos foi que não sofremos gol em casa e fizemos três. Fora, buscamos o jogo e tomamos só de bola parada”, ponderou ele. A grande mudança do São Paulo para o Brasileiro em relação ao Paulistão foi a entrada de Alexandre Pato, que foi contratado do Corinthians. O clube também está na expectativa de receber o atacante Alan Kardec, que está prestes a deixar o Palmeiras, mas, se realmente assinar, só poderia atuar pelo Tricolor depois da Copa do Mundo. O próximo jogo do São Paulo será na noite de sábado, contra o Coritiba, no estádio do Pacaembu, já que o Morumbi não poderá ser usado porque está alugado para uma apresentação musical.


E5

MANAUS, TERÇA-FEIRA, 29 DE ABRIL DE 2014

FABIO CASTRO/AGIF/GAZETA PRESS

Sem reforços... sem resultados Início nada bom do Vasco na Série B do Campeonato Brasileiro faz diretoria correr para conseguir reforços

Sheik brilha como único atacante O Botafogo confiou no faro de artilheiro de Emerson Sheik, que não marcava um gol desde o dia 31 de julho de 2013. O que parecia ser uma aposta de risco deu mais que certo para o Alvinegro, que colheu os frutos. Após sair perdendo por 2 a 0, o time de General Severiano contou com a estrela do jogador que marcou o primeiro e deu assistência para Zeballos empatar o segundo. Mas não foi apenas o gol e o assistência que chamaram a atenção da torcida e clube. Com apenas uma semana de treinamento, o atacante deveria jogar cerca de 60, 70 minutos de jogos, mas por conta da situação de jogo, ele teve que atuar o jogo inteiro. E a disposição demonstrada em campo surpreendeu a comissão técnica. “A estreia do Emerson foi acima da média. A comissão técnica esperava que ele fosse jogar até a metade do segundo tempo. Fiz as três substituições para mexer com o time e ele ficou até o fim do jogo. Não se poupo, deu pique e saiu do gramado exausto. Ele se superou bastante e me surpreendeu”, disse o técnico do time carioca, Vagner Mancini. E a atuação de Emerson Sheik, logo em sua estreia, foi bastante elogiada. Quando tinha a bola nos pés, o atacante buscava a todo instante chegar à área adversária e não cometeu os erros que fazia durante os treinamentos. Com passes precisos e postura insinuante, o jogador foi aprovado com louvor pelo treinador do Botafogo.

para o Luverdense deverá ser o retorno do goleiro Martin Silva na vaga de Diogo Silva. Mesmo sem ter participado da atividade, o uruguaio está melhor de uma tendinite no joelho esquerdo e deverá treinar com o grupo nesta terça-feira. O meia Bernado, livre de dores no joelho direito, é outro que vai ficar à disposição, mas começará a partida no banco de reservas, podendo entrar no decorrer do confronto. Portanto, pelo que se viou na atividade desta segunda-feira o Vasco vai a campo contra o Treze com a seguinte escalação: Martin Silva, André Rocha, Luan, Rafael Vaz e Diego Renan; Aranda, Fellipe Bastos e Douglas; Reginaldo, Montoya e Thalles.

FLUMINENSE

RUBRO-NEGRO

WAGNER MEIER/AGIF/GAZETA PRESS

GLORIOSO

A diretoria também vem negociando com o atacante Rafael Silva, que foi vicecampeão paulista pelo Ituano. O que pode atrapalhar neste caso é que existem outros clubes interessados no jogador. Já o acerto com o meia Eduardo Sasha, que está no Internacional, parece que não vai acontecer, mesmo com o jogador sendo pouco utilizado pelo técnico Abel Braga. Isso porque as duas diretorias não chegaram a um acordo. O Colorado queria receber pelo jogador, enquanto que o Cruz-Maltino deseja apenas se responsabilizar pelos salários do apoiador. Treino: Dentro de campo o técnico Adilson Batista comandou um treino na manhã desta segunda-feira, em São Januário, e começou a esboçar a equipe para a partida desta quarta-feira diante do Treze-PB no Estádio Amigão, em Campina Grande (PB), pela rodada de ida da segunda fase da Copa do Brasil. A única mudança em relação ao time que perdeu

Felipe aposta em reação nas próximas rodadas O Flamengo não começou bem o Campeonato Brasileiro. Os rubro-negros somaram apenas um pontos nas duas primeiras rodadas da competição e estão nas últimas posições. O goleiro Felipe sabe que a equipe precisa reagir para não sofrer com o fantasma do rebaixamento, como na temporada passada. No entanto, o arqueiro ressaltou que o elenco é forte e pode terminar o ano dando alegria ao torcedor, como em 2013. “A gente sabe que o torcedor começa ficar nervoso com os maus resultados. Sabemos que precisamos melhorar. Para isso, vamos trabalhar esta semana pensando na partida contra o Palmeiras, no Maracanã. Contamos com o apoio da torcida para buscar a vitória. No ano passado, começamos mal, mas no fim conquistamos a Copa do Brasil. Vamos com tudo para reverter esta situação”, disse.

Os flamenguistas esperam poder reagir nas próximas rodadas do Campeonato brasileiro. A equipe vai atuar no Maracanã três vezes seguidas, quando vai encarar Palmeiras, Fluminense e São Paulo, na sequência. Rodolfo na Ponte O Flamengo concluiu obntem (28) o empréstimo do jovem meia Rodolfo para a Ponte Preta. O jogador interessava ao Bahia, mas fica até 31 de dezembro no clube de Campinas. O objetivo da diretoria é dar bagagem ao jogador no Campeonato Brasileiro da Série B antes de novo retorno e sequência na Gávea. Aos 21 anos, Rodolfo estava sem espaço no elenco dirigido pelo técnico Jayme de Almeida. Ele é mais um atleta a deixar o Rubro-negro no início do Brasileirão. Anteriormente, o clube emprestou o zagueiro Welinton para o Coritiba e devolveu Feijão ao Bahia.

Jogador do Flu rebateu críticas de Walter e disse que “todos querem jogar” e terão chance

Fred critica Walter e ‘começo bom’

DIVULGAÇÃO

O

mau começo na Série B do Campeonato Brasileiro e a derrota de 2 a 1 para o Luverdense na tarde de sábado fizeram a diretoria do Vasco se movimentar rapidamente e o clube deverá anunciar até o fim desta semana a contratação de alguns reforços que possam dar mais opções ao técnico Adilson Batista. O diretor do departamento de futebol, Rodrigo Caetano, está à frente das negociações. Os dois jogadores mais próximos do acerto são o volante Fabrício e o meia Guilherme Biteco. Fabrício teve passagem pelo Cruzeiro e seu último clube foi o São Paulo, onde não teve maiores oportunidades. O jogador já manifestou desejo de tentar reconstruir a carreira no Vasco e o anúncio deverá ser feito nesta terça-feira. Já Guilherme Biteco esteve nesta segunda-feira para realizar exames médicos, uma vez que o Vasco já chegou a um acordo com o Grêmio sobre o empréstimo até o fim do ano.

Técnico Adilson Batista não quer ser cobrado sem ter os reforços

Rodolfo foi cedido para atuar no time da Ponte Preta

Após a vitória sobre o Palmeiras, o atacante Walter mostrou sua insatisfação por estar na reserva do Fluminense. O jogador afirmou que pensava em sair do clube caso a situação permanecesse. O atacante Fred criticou o companheiro e ressaltou que todos no elenco vão ter a chance de mostrar serviço ao técnico Cristóvão Borges. “Todo jogador quer jogar. Conheço o Walter e o coração dele. Sei da capacidade técnica dele, que é um jogador muito importante para a gente. Entrou na Copa do Brasil e fez gol. Temos de saber guardar as coisas e ficar tranquilo nesse momento. Ele vai ter a oportunidade dele e vai fazer o que sempre fez, jogar a bola para dentro e ajudar nossa equipe”, disse. Fred também fez questão de elogiar a fase da equipe. O Fluminense venceu seus dois jogos no Campeonato Brasileiro, sendo o último fora de casa contra o Palmeiras. No

entanto, o atacante preferiu minimizar o fato e pensar no restante da competição. “Vi a imprensa falando que seria um teste e conseguimos passar por ele. Foi o segundo teste, mas faltam mais 36. A equipe precisava disso para poder esquecer a desconfiança e poder seguir

MINIMIZOU

Jogador Fred também fez questão de elogiar a fase da equipe. O Fluminense venceu seus dois jogos no Campeonato Brasileiro, sendo o último fora de casa contra a equipe do Palmeiras na liderança do Campeonato Brasileiro”, finalizou. Técnico elogia elenco O Fluminense começou o Campeonato Brasileiro com 100% de aproveitamento

nos dois jogos disputados. Após a quarta vitória consecutiva no comando do Tricolor, o técnico Cristóvão Borges exaltou a qualidade da equipe que tem entrado em campo nos jogos. “Claro que minha maneira de ver e trabalhar me fez escolher um sistema de jogo. É uma equipe de alto nível, muita qualidade técnica e também tem de ser muito competitiva. Estamos aliando a competição com a qualidade. Por isso temos conseguido os resultados - disse. O crescimento da equipe das Laranjeiras é evidente após a chegada do treinador. Em quatro jogos, são 12 gols marcados – média de três por jogo - e nenhum sofrido. Sob o comando de Cristóvão Borges, o Flu chegou à marca de quatro partidas sem tomar um gol, o mesmo número de confrontos que a equipe carioca não tinha levado gols em todo o ano de 2014, mas em 18 jogos.


E6

MANAUS, TERÇA-FEIRA, 29 DE ABRIL DE 2014

Libertadores agora é o foco

DESFALQUES

No primeiro duelo entre as equipes, o Cruzeiro teve dois desfalques de última hora, que foram Dagoberto e Ricardo Goulart. Além disso, o time vinha em uma sequência de cinco partidas decisivas do 1 a 1 no jogo da volta, que levaria a decisão para as penalidades E o outro foi o 2 a 2 que teve contra o Olimpia, no Paraguai, em 1976. Um resultado igual daria a classificação direta para a próxima fase por causa dos gols marcados fora de casa. E é com o pensamento de fazer gols que o técnico Marcelo Oliveira irá ao Paraguai. “A gente vai pensando em vencer, em marcar bem, ob-

DIVULGAÇÃO

ATAQUE

No primeiro jogo, Grêmio perdeu por 1 a 0 contra argentinos

Grêmio deve ter 2 volantes para enfrentar San Lorenzo O que se previa a partir da entrevista coletiva do técnico Enderson Moreira após a vitória sobre o Atlético-MG acabou se confirmando. Ontem (28), no Olímpico, o treinador gremista montou sua equipe com dois volantes e três meias para a partida diante do San Lorenzo. Como perdeu por 1 a 0 em Buenos Aires, o Tricolor precisa vencer por dois gols de diferença para seguir adiante na Libertadores. Ramiro, titular contra o Galo, deve ser o centromédio que irá sobrar. Ontem, Zé Roberto atuou em sua função, fazendo uma movimentação híbrida entre volante e meia, pelo lado esquerdo. Everton atuou como meia-atacante pela direita, função que deverá ser ocupada por Luan na quartafeira – o garoto de 21 anos não participou do coletivo por ter jogado pelo Brasileirão no domingo (27). Outra novidade do trabalho foi o retorno de Wendell à lateral esquerda. Recuperado de lesão, ele assume o

posto de titular novamente. Na zaga, sem o lesionado Rhodolfo, Werley e Geromel começarão a partida diante dos argentinos. O time do treino de ontem teve Marcelo Grohe; Pará, Werley, Geromel e Wendell; Edinho, Riveros e Zé Roberto; Everton, Barcos e Dudu. Em campo Este deve ser o time para esta quarta-feira (30), com a entrada de Luan no lugar de Everton. Além de Rhodolfo, outro jogador que não terá condição de jogo é Alán Ruiz, destaque da vitória sobre o Atlético-MG, por pertencer ao San Lorenzo. O jogador Breno: de boa atuação contra o Galo, o jovem lateral esquerdo de 19 anos renovou vínculo com o Grêmio. Seu novo contrato vai até março de 2017. Breno é tratado como o sucessor de Wendell, que deixará a Arena após a Libertadores, já vendido para o Bayer Leverkusen.

servar a postura do adversário, se tiver recuado, apertá-los bem como fizemos no Mineirão. O Cruzeiro tem todas as condições de fazer isso e trazer resultado”, disse o treinador em tom otimista. O treinador esperar por mais dificuldades no Paraguai, mas crê na capacidade da equipe para superar a marcação rival e o time seguir adiante na competição sul-americana. “Não é fácil a Libertadores, os times paraguaios marcam bem, se fecham, tem o time frio que sabe tocar a bola. Mas vamos preparar bem, com muito descanso, para chegar lá forte e quem sabe seguir mais fortalecido ainda”, destacou. O paraguaio Samudio, que conhece bem o rival e foi responsável pelo gol que infla a esperança celeste, também segue confiante na classificação. “Posso assegurar que o que fizemos no Mineirão, nos deixa sonhar. Vamos seguir passo a passo na Libertadores, será um jogo difícil, mas não impossível”, ressaltou.

NO 2º TEMPO

INTER

REPRODUÇÃO

dade de Dagoberto voltar é remota, mas ainda existe. Outro ponto favorável para o Cruzeiro diante do rival é o retrospecto. O time celeste nunca perdeu para equipes paraguaias na Libertadores. Em 11 confrontos, foram nove vitórias e apenas dois empates. E os dois resultados de igualdade não eliminariam o time celeste da competição na próxima quarta. Um deles seria a repetição

Jovem Valdívia aprova estreia como titular O garoto Valdívia foi um dos bons nomes do Internacional no empate em 2 a 2 com o Botafogo, no domingo (27), no Maracanã. O meia de 19 anos começou como titular do Colorado pela primeira vez ao substituir o poupado Alex, e fez a jogada que deu ao time o segundo gol na partida. O próprio Valdívia gostou de seu desempenho no final de semana. “Gostei da minha atuação, foi meu primeiro jogo como titular do Inter. O resultado não é tão ruim, mas gostaria de ter saído com a vitória. Abrimos 2 a 0 e eles fizeram gols em detalhes, vieram para cima, o que dificultou um pouco. Agora vamos buscar três pontos em casa novamente -, afirmou o meia, projetando a partida do próximo domingo (4 de mio), contra o Sport, no Beira-Rio.

Valdívia entende que os exercícios de fortalecimento muscular que tem realizado são importantes para o seu desenvolvimento no Inter: “venho treinando para que dentro de campo eu possa render. Duas vezes por semana faço trabalhos (de fortalecimento muscular) na academia, o que está me ajudando muito. Já me sinto mais forte e sei que preciso entrar bem quando aparece a oportunidade”.

Miguel Ángel Portugal vê time mais ofensivo no segundo tempo

Atlético-PR pode ganhar de qualquer time, diz treinador

Incerto Apesar da boa atuação de Valdívia, sua presença como titular na próxima quinta-feira (1 de maio) não é certo, dado que Alex pode retornar ao time principal. O Colorado visitará o Cuiabá neste meio de semana, pelo jogo de ida da segunda fase da Copa do Brasil. DIVULGAÇÃO

A

pesar da irritação por causa do empate diante do São Paulo no último minuto, os cruzeirenses já mudaram o foco para a Libertadores. Depois de empatar em casa por 1 a 1, o time celeste visita o Cerro Porteño, no Paraguai, amanhã (30), precisando de uma vitória ou um novo empate por dois gols ou mais. A favor dos mineiros está o retrospecto positivo diante dos paraguaios e o fôlego renovado. No primeiro duelo entre as equipes, o Cruzeiro teve dois desfalques de última hora, que foram Dagoberto e Ricardo Goulart. Além disso, o time vinha em uma sequência de cinco partidas decisivas e o cansaço ficou evidente principalmente na segunda etapa. Apesar disso, o time se esforçou e conseguiu arrancar um empate salvador no último minuto que aumenta a confiança na classificação. No jogo desta quarta-feira, o time de Marcelo Oliveira terá a volta de Ricardo Goulart e não terá a desculpa de cansaço. Apesar de ter utilizado o time titular contra o São Paulo, o treinador já havia poupado as principais peças diante do Bahia na estreia do Brasileirão, quando os reservas venceram por 2 a 1, e a aposta é que a equipe esteja bem fisicamente. A possibili-

GAZETA PRESS

Com empate em casa por 1 a 1, contra o São Paulo, o time celeste visita o Cerro Porteño, no Paraguai, amanhã (30), precisando de uma vitória ou um novo empate por dois gols ou mais. Retrospecto positivo diante dos paraguaios é o fôlego renovado

Atacante de 19 anos, Valdívia teve boa atuação na estreia

A mudança de postura do Atlético-PR após o intervalo chamou a atenção na partida disputada no último domingo (27), no estádio de Pituaçu, contra o Vitória. O time paranaense terminou o primeiro tempo perdendo por 2 a 0, mas voltou bem mais ligado e conseguiu arrancar o empate, com gols de Mosquito e Marcelo. Para o técnico Miguel Ángel Portugal, o Atlético-PR apresentou um futebol na segunda etapa que pode superar qualquer equipe do futebol nacional. “Se jogarmos como no segundo tempo de hoje (domingo), podemos ganhar de qualquer time no campeonato”, disse. “O melhor que podemos fazer é esquecer esse primeiro tempo. Não podemos repetir”, acrescentou. O treinador rubro-negro ressaltou ainda que o resultado mais justo da par-

tida disputada no último domingo seria vitória do time visitante. “Mudamos a mentalidade e saímos para dar o máximo. Tivemos muitas chances de gol e poderíamos até fazer mais”, completou. Quarta posição O empate deixou o Atlético-PR na quarta colocação da Série A, com quatro pontos. Na próxima rodada, o Atlético Paranaense encara o Cruzeiro, sábado (3 de maio), no Estádio Mané Garrincha, em Brasília. Já o Vitória, no mesmo dia, vai ao Rio de Janeiro enfrentar o Fluminense. Antes da pausa para os jogos que serão disputados pela Copa do Mundo, a partir de 12 de junho, o Atlético-PR ainda enfrenta Internacional, Chapecoense, Corinthians, Coritiba, São Paulo e Figueirense.


Bala na agulha Atacante Carlinhos Bala tem nome registrado no BID da CBF e está liberado para o jogo. No treino de ontem, atuou no time reserva, mas deve ser o trunfo do Naça THIAGO BOTELHO Equipe EM TEMPO

C

arlinhos Bala foi contratado pelo Nacional especialmente para o confronto de amanhã, às 21h, na Arena da Amazônia, contra o Corinthians pela segunda fase da Copa do Brasil. E o atacante sabe muito bem o que é surpreender a equipe paulista nessa competição. Foi dele um dos gols que deu ao Sport-PE o inédito título nacional em 2008. Experiente, o atleta é uma das armas do Leão da Vila para o duelo. “Essa é a primeira vez que encontro o Corinthians pela Copa do Brasil depois daquele jogo inesquecível. É bom jogar contra uma equipe de ponta do futebol brasileiro e eu acho que vai ser um bom jogo. A equipe está focada e precisamos estar acesos pra esse confronto. Do outro lado tem jogadores de nível de seleção, mas nossa equipe também tem qualidade e vamos jogar de igual pra igual porque dentro de campo são 11 contra 11 e sairá vencedor quem fizer por onde”. No treino realizado ontem (28), na Arena da Amazônia, o técnico Sinomar Naves deu pistas de qual dever ser a equipe titular. No coletivo que durou cerca de 40 minutos a única mudança em relação à equipe que venceu o Manaus FC, pela semifinal do Campeonato Amazonense, foi a entrada do volante Denis, recém chegado ao grupo, na vaga de Bruno Potiguar. Bala treinou entre os reservas e mostrou boa movimentação. Com a bola ele atuava como um ponta pelo lado direito e sem a bola ajudava na marcação pelo meio. Segundo o técnico Sinomar Naves a escalação oficial só será definida no treino de hoje. Ele não descartou a possibilidade de mudanças e afirmou que a entrada de Denis no time titular durante o treino foi para testar como a equipe se comporta defensivamente com o jogador. “Ainda vamos treinar amanhã (hoje) e só então iremos definir quem entra como titular. O Denis tem mostrado nos treinamentos boa qualidade na parte defensiva, compactando e fortalecendo mais naquele setor

onde sabemos que o adversário tem grande movimentação. A palavra de honra é buscar o máximo de eficiência nesse jogo e sabemos que temos possibilidades de vencer. É preciso foco nos dois tempos”, observou. Colar em Jadson Assim como Carlinhos Bala, o volante Denis chegou recentemente ao elenco azulino após disputar o Campeonato Paulista da serie A3 pelo Flamengo-SP, mas é velho conhecido da torcida. Ele fez parte do elenco que fez história na Copa do Brasil do ano passado ao chegar nas oitavas-de-final da competição. Marcador nato, sua árdua missão será colar no meio campista corintiano Jádson. Sem se esquivar da responsabilidade, Denis diz que esse é o tipo de partida que todo atleta gosta de jogar. “Uma oportunidade única. É a partida mais importante do Nacional na temporada e muito importante pra mim na minha carreira profissional. O professor mandou eu colar no Jádson, já que sou primeiro volante e marco bem. Mandou eu colar no Jádson e principalmente não deixar ele bater pro gol”. Nacional bateu o Corinthians Faz muito tempo, mais de 40 anos, mas o torcedor do Nacional jamais vai esquecer do dia 25/09/1972. Foi nessa data, no antigo estádio Vivaldo Lima pelo grupo F do Campeonato Brasileiro, que Edson Borracha, Antônio Piola, Jurandir, Café e Almir Coutinho; Mario Vieira, Jorginho, Ismaele Lacy (Danival); Campos e Reis bateram o Timão por 2x0 com dois gols do atacante Campos, mineiro que à época foi emprestado pelo Atlético-MG ao time amazonense e foi vice-artilheiro da competição com 14 gols. Sob comando de Aderbal Lana, o Nacional fez sua última partida contra o Corinthians em 1986 pela segunda fase do Campeonato Brasileiro. Perdeu por 3x1 no estádio do Pacaembu. Naquele time atuava o ex-meia e atual técnico Sergio Duarte. No pequeno restrospecto entre os times são oito jogos. Seis vitórias dos paulistas, um empate e apenas uma vitória para o Leão da Vila Municipal.

Denis (agachado) é uma das novidades do Nacional contra a equipe paulista do Corinthians em jogo amanhã

Nacional treinou na Arena da Amazônia, ontem, na preparação para iniciar segunda fase da Copa do Brasil

Carlinhos Bala deve ser a arma do Naça contra o Timão

FOTOS: ALBERTO CÉSAR ARAÚJO

E7

MANAUS, TERÇA-FEIRA, 29 DE ABRIL DE 2014


E8

MANAUS, TERÇA-FEIRA, 29 DE ABRIL DE 2014

Olha a banana

Após cena de racismo contra o jogador Daniel Alves, famosos se solidarizaram com atacante

Jogadores e artistas da TV se solidarizaram com Daniel Alves, após ato de racismo

banana na vitória do Barcelona sobre o Villarreal. Mas, ao ver a fruta em campo, o lateral a pegou e comeu antes de cobrar um escanteio. Depois da partida, o jogador falou sobre o ocorrido. “Estou há 12 anos na Espanha, e há 11 anos é igual…

Já atuo por times da Espanha há 12 anos, e há pelo menos 11 anos acontece a mesma cena lamentável de atrasados Daniel Alves, atacante do Barcelona

tem que rir desses atrasados”, escreveu. A diretoria do Submarino Amarelo declarou que já identificou o torcedor. Se-

gundo comunicado emitido pelo clube, o responsável por jogar uma banana no brasileiro é sócio-torcedor e será expulso do programa e proibido de entrar no estádio El Madrigal por tempo indeterminado. A equipe utilizou imagens do confronto para encontrar o infrator e também recebeu a ajuda de outros torcedores que estavam por perto no momento da ação. Segundo o jornal AS, o torcedor ainda será punido pela Comissão Antiviolência da Espanha. Com isso, ele deve ficar longe de qualquer jogo de futebol por tempo indeterminado e tomar uma multa alta. Já o clube, mesmo após as medidas que tomou contra o torcedor, terá o caso analisado pela Federação Espanhola e também pode sofrer alguma punição, uma vez que o ocorrido foi relatado pelo árbitro na súmula do jogo. FOTOS: DIVULGAÇÃO

L

o g o a p ó s Daniel Alves surpreender a todos ao pegar uma banana em campo e comê-la, vários famosos começaram a se manifestar nas redes sociais apoiando o jogador. Algumas celebridades como o apresentador Luciano Huck, o atacante Neymar e a atriz Thaíssa Carvalho foram algumas das pessoas a postarem fotos em apoio ao jogador do Barcelona. Nas fotos, as pessoas aparecem com uma banana na mão. Na legenda, todos usaram a hashtag #somostodosmacacos. Em pouco minutos, a hashtag já estava entre os assuntos mais comentados no Twitter com diversas manifestações de apoio ao jogador. Daniel Alves foi alvo de uma


Pódio - 29 de abril de 2014