Issuu on Google+

R$ EXEMPLAR

1,00 DE ASSINANTE

VENDA PROIBIDA PREÇO DESTA EDIÇÃO

O JORNAL QUE VOCÊ LÊ ANO XXVIII N.º 8.952  SEGUNDA FEIRA, 30 DE NOVEMBRO DE 2015  PRESIDENTE: OTÁVIO RAMAN NEVES  DIRETOR EXECUTIVO: JOÃO BOSCO ARAÚJO

DIVULGAÇÃO

Difícil regresso

Karine lança videoclipe em Paris

DIA DO CLIMA

MÁRCIO MELO

‘NÃO MATE A MATA’

Desde a última quinta-feira (26), cinco amazonenses estão impedidos de retornar ao Brasil por conta da interdição das rodovias no Estado Madre de Dios, a sudeste do Peru, orquestrada por um grupo de mineradores. A obstrução das rodovias foi articulada pela categoria desde o último dia 23 e segue por tempo indeterminado. Os mineradores exigem a anulação de três decretos legislativos que consideram ilegais as atividades desempenhadas e que beneficiariam apenas as empresas mineradoras. Dia a dia A7

DIVULGAÇÃO

Mineradores peruanos bloquearam as rodovias e os amazonenses ficaram ilhados

No Peru, amazonenses estão impedidos de voltar para casa

Novena verde na catedral

A cantora amazonense Karine Aguiar lança seu primeiro videoclipe, nesta quarta-feira (2), em Paris. A música escolhida para o clipe é “Não mate a mata”, de Adelson Santos. Plateia B5

No Dia Mundial pelo Clima, mais de 300 mudas de plantas ornamentais e frutíferas foram distribuídas, ontem pela manhã, aos fiéis que participaram da abertura do novenário de Nossa Senhora da Conceição, na igreja Matriz, no Centro. Dia a dia A7

APESAR DA VITÓRIA

Com um gol de Nenê (foto), de pênalti, o Vasco venceu o Santos por 1 a 0 e segue vivo no Brasileiro. Com a vitória, alcançou 40 pontos, mas só um milagre salva o time do rebaixamento. Pódio C1

DIVULGAÇÃO

Só milagre salva Vasco do rebaixamento

ABU DHABI

Rosberg vence a última prova de Fórmula 1 da temporada Arcebispo de Manaus, dom Sérgio Castriani distribuiu mudas na abertura do novenário de Nossa Senhora da Conceição

CLIMA

DIVULGAÇÃO

DIVULGAÇÃO

O piloto alemão Nico Rosberg (Mercedes) venceu neste domingo o Grande Prêmio de Abu Dhabi, 19ª e última prova do Mundial de Fórmula 1, na qual o britânico Lewis Hamilton, companheiro de equipe e virtual campeão, foi segundo. Pódio C4

COP–21 começa hoje em Paris

No último prêmio da temporada, Rosberg conseguiu o terceiro triunfo consecutivo

A Conferência da ONU sobre o clima deve reunir os principais líderes mundiais em busca de um acordo de redução de gases de efeito estufa para evitar o aquecimento global. Mundo B4

FALE COM A GENTE - ANÚNCIOS CLASSITEMPO, ASSINATURA, ATENDIMENTO AO LEITOR E ASSINANTES: 92 3211-3700 ESTA EDIÇÃO CONTÉM - ÚLTIMA HORA, OPINIÃO, POLÍTICA, DIA A DIA, ECONOMIA, PAÍS, MUNDO, PLATEIA E PÓDIO.

Líderes mundiais vão definir na conferência como enfrentar as mudanças climáticas

TEMPO EM MANAUS

MÁX.: 34

MÍN.:

27


A2

Ultima hora

MANAUS, SEGUNDAFEIRA, 30 DE NOVEMBRO DE 2015

PF inicia investigações sobre vazamento do PSC GERSON FREITAS

O

superintendente da Polícia Federal no Amazonas, delegado Marcelo Rezende, informou que a partir desta segunda-feira será instaurada uma investigação para identificar e penalizar o responsável pelo possível vazamento das provas do Processo Seletivo Contínuo (PSC) da Universidade Federal do Amazonas (Ufam), canceladas no último sábado (28). “Ainda existem muitos espaços nas informações repassadas pela Ufam. Só tivemos acesso a um documento enviado pela reitoria, até o momento, no qual informava apenas a suspeita de vazamento. Após isso tentamos contato com a instituição, mas não obtivemos sucesso. Amanhã (hoje), vamos iniciar os processos para apurar o caso”, frisou Rezende. Ainda de acordo com ele, a Polícia Federal atuará em parceria com a Secretaria de Segurança Pública (SSP/AM), nas investigações que apontarão os responsáveis pelo suposto vazamento das provas, que seriam realizadas ontem, em Manaus e nos 61 municípios

DIEGO JANATÃ/AET

Trabalhos terão início nesta segunda-feira, conforme o superintendente da Polícia Federal, Marcelo Rezende do Estado, conforme informações da instituição de ensino. Por meio da assessoria de comunicação, a reitoria da Ufam informou que a data para a realização do novo processo, previsto para o início do próximo ano, será divul-

PROVAS O total de 66.896 estudantes participariam ontem do exame. Deste total, 14.754 candidatos são finalistas do ensino médio que disputavam as 2.735 vagas com ingresso em 2016, na instituição gada em breve. Conforme a universidade, ainda no último sábado, quando foi detectado o suposto vazamento pela coordenação do PSC, a reitoria solicitou à PF e a SSP que fosse aberta a investigação. Segundo a Ufam, os órgãos de segurança recomendaram que a instituição evitasse falar sobre os detalhes que levaram a reitoria a suspender as provas, para não atrapalhar os procedimentos de investigações.

Provas da Ufam que seriam aplicadas ontem foram suspensas e ainda estão sem data de quando deverão ser realizadas pela instituição em 2016

LAVA JATO

NO CENTRO

ARTHUR CASTRO

Programação de Natal é aberta HENDERSON MARTINS

A abertura oficial da programação natalina “Um Amor de Natal”, que vai substituir o espetáculo “Glorioso”, foi feita ontem pelo governador José Melo (Pros), no largo São Sebastião, Centro. O evento teve várias atrações entre coral de Natal; recital de poesias; mostra de arte e inauguração da árvore de Natal de 25 metros de altura, que teve suas luzes acessas. A programação se estenderá ao longo do mês de dezembro. “Esse é o momento de agradecer a Deus, que apesar das dificuldades que o país vive, nós do Amazonas conseguimos romper este ano, fazendo as coisas essenciais que tinham que ser feitas para todo o povo do Estado”, disse Melo. Ao ser questionado sobre o

Programação natalina deste ano terá gastos contidos pelo governo

método usado pelo governo do Estado para realizar o evento deste ano com o mesmo brilho dos anos anteriores, mas com recurso reduzidos, Melo declarou que em 2015 foi feito algo bastante diferente, desde a festa de Parintins, onde foram reavaliados todos os custos, e os grandes eventos do Amazonas passaram a ser realizados

pela metade dos custos. Ainda de acordo com o governador, todo o evento de Natal será patrocinado pela empresa Coca-Cola. Em 2015, o evento natalino teve recursos públicos e privados, mas neste ano o Executivo Estadual conseguiu com que a empresa patrocinasse todo o espetáculo.

Anotação mostra que Cunha recebeu R$ 45 mi Anotação apreendida pela Procuradoria-Geral da República aponta que o banco BTG Pactual pagou R$ 45 milhões ao deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ), presidente da Câmara, para ver interesse do banco de André Esteves atendido em uma emenda provisória. O texto foi encontrado por policiais federais na casa de Diogo Ferreira, chefe de gabinete do senador Delcídio do Amaral (PT-MS), e preso com ele na quarta-feira passada (25) no escopo da operação Lava Jato. Ele está descrito no pedido da PGR para manter o assessor e Esteves presos por tempo indeterminado -o que foi aceito pelo ministro Teori Zavascki, do Supremo, ontem. A anotação faz parte de um conjunto de papéis que, na avaliação dos investiga-

dores, constituía um roteiro de ação de Delcídio junto a ministros do Superior Tribunal de Justiça e do Supremo para tentar soltar o ex-diretor da Petrobras Nestor Cerveró, também preso pela Lava Jato. No verso, há um escrito com a referência ao BTG. A PGR não deixa claro se é uma anotação manuscrita. “Em troca de uma emenda a medida provisória nº 608, o BTG Pactual, proprietário da massa falida do banco Bamerindus, o qual estava interessado em utilizar os créditos fiscais de tal massa, pagou ao deputado federal Eduardo Cunha a quantia de 45 milhões de reais”, diz o texto. O papel diz ainda que teriam participado da operação Carlos Fonseca, executivo do BTG Pactual, em conjunto com uma outra pessoa chamada Milton Lira.

LOTERIAS

MEGAˆSENA Concurso n. 1765 (28/11/2015) 01

06

28

37

56

58

TIMEMANIA Concurso n. 809

(28/11/2015)

07 08 17 20 37 61 69 Time do coração SÃO CAETANO/SP

QUINA Concurso n. 3946 (28/11/2015) 12

21

49

56

73

DUPLAˆSENA Concurso n. 1441 (27/11/2015) Primeiro sorteio 02

04

11

22

24

45

29

46

50

Segundo sorteio 11

22

24

FEDERAL Extração nº 05027 (28/11/2015) Prêmio

Bilhete

Valor (R$)

42.168

600.000

00007

37.200,00

3º 93.669

37.000,00

4º 70.654

36.800,00

5º 68.668

36.608,00

LOTOFÁCIL Concurso n. 1290 (27/11/2015) 01

03

04

05

06

11

13

14

16

19

20

21

22

23

25

LOTOMANIA Concurso n. 1611 (28/11/2015) 00

01

02

05

11

13

21

22

28

30

45

46

48

54

64

71

80

89

96

97

FONTE: CAIXA ECONÔMICA FEDERAL


Opinião A3

MANAUS, SEGUNDAFEIRA, 30 DE NOVEMBRO DE 2015

Editorial

Contexto 3090-1017/8115-1149

marioadolfo@emtempo.com.br | contexto@emtempo.com.br

Relatório de Vanessa sob suspeita Relatora da CPI do Carf, a senadora Vanessa Grazziotin (PCdoB–AM) está recebendo uma saraivada de críticas. No relatório preliminar apresentado esta semana, a relatora pediu o indiciamento de 28 pessoas, entre ex-conselheiros do órgão, representantes de empresas, servidores públicos, assessores e lobistas. No entanto, ela poupou políticos e a maioria dos envolvidos no caso da compra das MPs, como o ex-ministro Gilberto Carvalho e Luís Cláudio Lula da Silva, um dos filhos do ex-presidente Lula.

Gente muito boa Todos eles são suspeitos de intermediar a compra de MPs. Mas, no relatório, a senadora Grazziotin justifica que todos foram rejeitados, pois a CPI considerou que os fatos “não dizem respeito ao objeto do colegiado”. Não gostou O presidente da CPI do Carf do Senado, Ataídes Oliveira (PSDBTO), foi o primeiro a reagir contra o relatório de Vanessa. Ele já pediu ao senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP), suplente do colegiado, que apresente na próxima semana um relatório paralelo ao da senadora comunista. CPI governista Dos 11 membros titulares, apenas o presidente e o senador Davi Alcolumbre (DEM-AP) são oposição ao governo. — A base da CPI é governista, só tem o presidente, praticamente, de oposição –, afirmou Ataídes. Dá-lhe, Sinésio Neste domingo, além dos jogos de capoeira, bancas de artesanato, café da manhã e obras de Arthur Virgílio, a avenida Eduardo Ribeiro tinha outra grande atração. O deputado Sinésio Campos (PT) se esgoelando numa boca de ferro, cercado por 20 membros de sua eterna e fiel claque.

Todos vestidos de camiseta azul, aplaudindo entusiasticamente o líder do São José.

Acordo O acordo de delação premiada de executivos da Andrade Gutierrez (AG), que deverá sair junto com acordo de leniência da empreiteira, indicará corrupção para obras da Copa. Reuniões As tratativas entre os réus da AG e os procuradores da forçatarefa da Lava Jato ainda estão em andamento. As reuniões estão ocorrendo em Curitiba, base das investigações dos suspeitos sem foro privilegiado na Justiça. Vai falar tudo É o caso de Otávio Azevedo, presidente da Andrade Gutierrez. O acordo deve ser selado até a próxima terça-feira. Dois senadores Até o momento, Otávio Azevedo já entregou o nome de dois senadores à PGR em sua negociação para um acordo de delação premiada, informa o “Estadão”. Propina Esses dois senadores teriam recebido propina ligada a obras da AG. As conversas com os procuradores começaram há dois meses e estão na reta final. Delação Por isso, o fechamento do acordo de delações será feito na Procuradoria-Geral da República e no Supremo Tribunal Federal, em Brasília.

APLAUSOS

Demorou para que o brasileiro entendesse que a corrupção é um mal que o afeta, se não direta, ao menos indiretamente. Pesquisa do Datafolha, entre os dias 25 e 26 deste mês, em todo o país, revela que 34% dos eleitores consideram a corrupção o principal problema do Brasil. Saúde, desemprego, educação e violência vêm na sequência, pela ordem. É uma parcela pequena a perceber o estrago das maracutaias com o dinheiro do contribuinte. Pelo resultado da pesquisa, pode-se deduzir que a grande maioria – 66% – não considera a corrupção o maior mal do país. Nesse contexto, a maior parte trata o tema como irrelevante. O levantamento do Datafolha não indagou aos entrevistados sobre quais problemas são gerados pela corrupção. A opinião no momento da consulta é, portanto, um posicionamento mais emocional que racional. Pode ser interpretado como uma reação aos casos noticiados pela imprensa. Entretanto, a minoria dos que encaram a corrupção como o maior problema do país é um indicador de que o tema não está passando despercebido, apesar do sentimento apático que domina a opinião pública no país. Espera-se que essa percepção não seja apenas coisa de momento, mas que se manifeste permanentemente. Não só para se manter vigilante, quanto para reagir nas ruas e nas urnas. Isso porque a corrupção não se esgota a cada caso desvendado pela polícia e a Justiça. Os corruptos renovam e aperfeiçoam seus instrumentos de negócios escusos com o patrimônio público, sangrando o dinheiro destinado a investimentos em prol do bem-estar social. Perceber que a corrupção é um problema é fundamental para não fazermos parte dela, pois se poucos ganham, muitos perdem. A perda maior, sempre, será da maioria que é privada de seus direitos de cidadão porque alguns “imorais” se apropriam dos bens que são de domínio do público.

GILMAL

arteurucum@emtempo.

Com a admissão de culpa do empresário, ele deverá contar com penas reduzidas. Paga e não bufa! A empresa, por sua vez, fará acordo de leniência admitindo pagar R$ 1 bilhão em indenizações. Pediu para sair A coluna “Expresso”, de “Época”, publicou que Rebecca Garcia topou se afastar das empresas das quais é sócia para exercer o cargo de superintendente da Suframa.

Na verdade, foi a Comissão de Ética da Presidência da República que seguiu a recomendação do Ministério Público Federal e sugeriu que Rebecca se afastasse das empresas. ‘Becca’ é sócia Antes dela assumir, os procuradores da República advertiram que havia um conflito de interesses envolvendo a filha de Francisco Garcia e o posto que passaria a ocupar. Isso porque “Becca” é sócia de empresas beneficiadas na Zona Franca. Novo caminho Para discutir direito eleitoral, marketing político, regularização fundiária e gestão compartilhada, o PPS realizou neste domingo (29), em Manaus, o workshop “Um Novo Caminho”.

Perigo na Ponta Negra DIVULGAÇÃO

Para a fundação Allan Kardec, que aos domingos vai ao Mercado Municipal Adolpho Lisboa e distribui sopa e água para mendigos, moradores de rua e trabalhadores da zona portuária.

A percepção da corrupção

Pena reduzida

VAIAS

Fundação Allan Kardec

opiniao@emtempo.com.br

Banhistas continuam rompendo a cerca e invadindo a praia da Ponta Negra para mergulhos, apesar da interdição. A praia foi suspensa aos banhistas pela prefeitura, por medida de segurança, porque o nível do rio Negro estava abaixo dos 16 metros.

Gaudêncio Torquato opiniao@emtempo.com.br

A lama tóxica da política A pergunta é recorrente: depois dos milhões do mensalão, dos bilhões do petrolão, da lama tóxica que escorre pelo rio Doce, matando a vida marinha, das prisões do senador Delcídio Amaral e do banqueiro André Esteves, com origem na lama moral que escapa dos dutos da Petrobras, correremos o risco de ver nova enxurrada de corrupção? Para sermos mais precisos, a campanha eleitoral de 2016, voltada para a eleição de 5.568 prefeitos e cerca de 60 mil vereadores, usará, mais uma vez, recursos ilegais, dinheiro por baixo do pano, falcatruas e outros meios tradicionalmente manipulados por candidatos? Infelizmente, a resposta é sim. Mesmo que a batelada de candidatos tenha a porteira fechada para doações de recursos por parte de pessoas jurídicas. A confirmação do uso de Caixa 2 se ancora em alguns fatores. Primeiro, não se muda a cultura política por decreto. Não será da noite para o dia que sairemos da barbárie em matéria de campanha eleitoral para um avançado estado civilizatório. Segundo, o Judiciário e o Ministério Público, mesmo com seus sistemas de controle, investigação e decisão mais apurados e tempestivos, não serão suficientes para barrar as correntes de corrupção que se espalham nas três instâncias da Federação. Como bem lembra o juiz Sérgio Moro, sem a consciência da representação política, o que a

Justiça faz para conter a corrupção equivale a uma pregação no deserto. Ele está certo. A corrupção é mazela arraigada no ethos nacional, desde os tempos primeiros da colonização. Pode diminuir, como se espera, mas não será extirpada in totum. Haverá sempre um amigo aqui, outro acolá, dispostos a ceder meios de transporte, combustível, a ajudar os amigos candidatos com material gráfico etc. Portanto, as campanhas municipais ainda contarão com a alavanca de empuxo principalmente nas áreas de logística, trabalho de campo (cabos eleitorais) e materiais gráficos. O que se pode garantir é a maior transparência dos processos, um poder crítico mais agudo, que deverá transparecer na denúncia de campanhas ricas e exuberantes, no apontamento de exageros nas estruturas e equipes que trabalharão para os candidatos. Em suma, no centro dos lamaçais que escorrem pelos vãos da República, continuaremos a conviver, apesar de em quantidades menores, com manobras espúrias e incestuosas entre protagonistas da política. Carecemos de cidadania ativa, aquela que John Stuart Mill defendeu em suas Considerações sobre o Governo Representativo. Não adianta fazer reforma política - mudar sistema de voto, de representação, fidelidade partidária, - se os súditos se assemelham a um bando de ovelhas pastando capim.

Gaudêncio Torquato Jornalista, professor titular da USP é consultor político e de comunicação

Em suma, no centro dos lamaçais que escorrem pelos vãos da República, continuaremos a conviver, apesar de em quantidades menores, com manobras espúrias e incestuosas entre protagonistas da política. Não adianta fazer reforma política se os súditos se assemelham a um bando de ovelhas pastando capim”


A4

Opinião

MANAUS, SEGUNDAFEIRA, 30 DE NOVEMBRO DE 2015

Painel Caindo por terra A decisão do ministro Teori Zavascki, do STF, de manter André Esteves preso por tempo indeterminado fez evaporar no mundo político e empresarial a tese de que o dono do BTG teria poder suficiente para passar poucos dias encarcerado. Investigadores da Lava Jato já diziam, desde as primeiras horas da detenção do banqueiro, que a situação de Esteves, ao longo dos dias, “se mostraria muito difícil”. Decretada a preventiva, já se diz que ele pode “passar um bom tempo” na cadeia. Relações perigosas No pedido enviado a Zavascki, o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, aponta para uma relação entre o banqueiro e José Carlos Bumlai. Diz que o BTG fez negócios “altamente improváveis e escassamente explicáveis” com os filhos do pecuarista. No radar O pedido afirma ainda que a participação de Esteves na Lava Jato já vinha sendo investigada pela força-tarefa do Ministério Público em Curitiba, tendo como foco tanto a relação do BTG com Bumlai como com a Petrobras. Corrida Depois das prisões da semana passada, o que se tem dito nos corredores do Congresso é que, a partir de agora, foi dada a largada sobre qual será a primeira delação a vir a público: a de Bumlai ou a de Delcídio. Acelara Geraldo Alckmin, até então a voz mais cautelosa do PSDB em relação ao impeachment de Dilma Rousseff, passou a defender

Frase

Natuza Nery

que “se acelere um desfecho” para a crise. “O país não aguenta nem pode mais esperar tanta indefinição”, tem dito o governador paulista. Veja bem Alckmin, que via como “precipitada” a discussão sobre a deposição, mantém a tese de que a Constituição deve ser respeitada, mas já não trata como remota a possibilidade de Dilma ter cometido crime de responsabilidade. Esclarece O governador diz que nunca foi contra o impeachment, mas passou a admitir nos bastidores que “não estava se fazendo entender”. Além-mar Em suas investidas fora de São Paulo, Geraldo Alckmin desembarca em Brasília no dia 11 para inaugurar a sede do governo paulista na capital federal. O escritório, subordinado à Casa Civil, será comandado por Julio Semeghini. Périplo O deputado Marcus Pestana (PSDB-MG) esteve há alguns dias com Alckmin para pedir que o

E, considerando que a CPI do HSBC não consegue avançar nos trabalhos a que se propôs por absoluta impossibilidade material [ausência dos dados], é que requeremos seja apresentado imediatamente o relatório final dos trabalhos da presente comissão parlamentar de inquérito

governador apoie seu nome para a sucessão da liderança do partido na Câmara. Deixa estar Embora parte da bancada do PC do B defenda publicamente o processo pela cassação de Eduardo Cunha no Conselho de Ética, o partido não se juntará à obstrução conjunta contra o presidente da Câmara. No recuo O partido atendeu pedido do Planalto para que a base não entrasse em obstrução. A avaliação é que, além de prejudicar o andamento das pautas do governo, atacar formalmente Cunha fragiliza ainda mais a presidente Dilma Rousseff.

Randolfe Rodrigues (REDE-AP) (REDE-AP), um dos oito senadores responsáveis pela CPI do HSBC, reconhecendo o fracasso da comissão.

OLHO DA RUA

IONE MORENO

Lá na frente Interlocutores do prefeito Fernando Haddad almoçaram com Gilberto Kassab para discutir um possível apoio do PSD ao PT nas eleições do ano que vem. Kassab disse que ainda era cedo para definições e pediu que voltassem a se falar no início de 2016. Nem em sonho Quem conhece o ministro das Cidades diz, no entanto, que as chances de o PSD selar uma aliança com Haddad são remotas. O prefeito, afirmam interlocutores de Kassab, não teria sido muito “gentil” à gestão que o antecedeu. De onde vem As escolas privadas de Direito assumiram o papel de celeiro de grandes advogados. A edição 2015 do anuário “Análise Advocacia 500” mostra que 52% dos profissionais mais votados se formaram em escolas particulares.

TIROTEIO

A prisão de Delcídio antecipa 2016 e abre a temporada de ações do Supremo contra os políticos envolvidos na Lava Jato”

A BR-319 já se tornou protagonista de uma verdadeira novela. Políticos do Amazonas reclamam de má vontade do governo federal. Outros atribuem a lentidão das obras à burocracia crônica do Brasil. A União atribui às dificuldades de licenciamento ambiental. O fato é que enquanto não há uma definição, a população sofre com a falta da estrada

Luiz Flávio Gomes opiniao@emtempo.com.br

DO DEPUTADO SILVIO TORRES  PSDB€SP‚, sobre a Lava Jato chegar aos que têm

foro privilegiado e as consequências sobre as eleições municipais.

Delcídio foi preso em flagrante por crime ‘inafiançável’?

CONTRAPONTO

Rebobinando a fita Em julho, em entrevista ao jornal “A Crítica”, de Campo Grande (MS), Delcídio do Amaral explicava porquê, em meio à crise, aceitou ser líder do governo no Senado. –Companheiro é companheiro. Nas horas boas e nas difíceis. O governo está passando por uma crise, mas tem condições de suplantá-la. A gente aprende na crise. Mais à frente, o senador afirmou: –Temos que ser zelosos com o dinheiro público. O povo não é bobo e sabe muito bem o que cada um fez. As medidas tomadas pelas instituições, pela legislação anticorrupção, estão dando resultado. Hoje aparece muito mais, antes ficava tudo no “escurinho do cinema”.

Publicado simultaneamente com o jornal “Folha de S.Paulo”

CENTRAL DE RELACIONAMENTO Atendimento ao leitor e assinante ASSINATURA e CLASSIFICADOS

assinatura@emtempo.com.br classificados@emtempo.com.br

Editoras-Executivas Jeane Glay — MTB 001/02 jeaneglay@emtempo.com.br Michele Gouvêa — MTB 626 michelegouvea@emtempo.com.br

REDAÇÃO

3090-1010 redacao@emtempo.com.br

CIRCULAÇÃO

3090-1001 circulacao@emtempo.com.br

Norte Editora Ltda. (Fundada em 6/9/87) – CNPJ: 14.228.589/0001-94 End.: Rua Dr. Dalmir Câmara, 623 – São Jorge – CEP: 69.033-070 - Manaus/AM

Chefe de Reportagem Cleber Oliveira — MTB 00146/ JP cleberoliveira@emtempo.com.br Diretor Administrativo Leandro Nunes administracao@emtempo.com.br Gerente Comercial Gibson Araújo comercial@emtempo.com.br Gerente de Marketing Aline Nobre alinenobre@emtempo.com.br EM Tempo Online Yndira Assayag — MTB 041 yndiraassayag@emtempo.com.br

DO GRUPO FOLHA DE SÃO PAULO

www.emtempo.com.br

Presidente: Otávio Raman Neves Diretor-Executivo: João Bosco Araújo Diretor de Redação Mário Adolfo marioadolfo@emtempo.com.br

3090-1031

@emtempo_online

opiniao@emtempo.com.br

/amazonasemtempo

/tvemtempo

Os artigos assinados nesta página são de responsabilidade de seus autores e não refletem necessariamente a opinião do jornal.

O senador Delcídio Amaral foi preso em flagrante na manhã do dia 25/11/15. Os Deputados e Senadores, desde a expedição do diploma, “não poderão ser presos, salvo em flagrante de crime inafiançável” (CF, art. 53, § 2º). O flagrante foi justificado pelo ministro Teori Zavascki por se tratar de crime permanente. Qual crime? Fazer parte (integrar) crime organizado (da Petrobras – Lei 12.850/13, art. 2º). O crime permanente (que dura no tempo) realmente permite a prisão em flagrante em qualquer momento (CPP, arts. 302 e 303). Resta perguntar: mas se trata de crime inafiançável? O crime organizado, em si, é afiançável. Mas “quando presentes os motivos que autorizam a decretação da prisão preventiva”, o crime se torna inafiançável (CPP, art. 324, IV). Note-se: a lei fala em “motivos” (não em pessoas que podem ser presos preventivamente). O senador entrou nessa situação de inafiançabilidade porque tentou obstruir a investigação de um crime. Ofereceu dinheiro para Cerveró não fazer delação premiada (contra ele) e esquadrinhou uma rota de fuga do país (para o próprio Cerveró). Tentou prejudicar a colheita de provas. Tudo foi gravado pelo filho do ex-diretor da Petrobras (e entregue para o Procurador Geral da República, que pediu a “preventiva” do senador). A interpretação da Constituição que preponderou na 2ª Turma do STF foi a seguinte: crime permanente (integrar crime organizado) admite o flagrante; os

abomináveis atos imputados ao senador são causa de decretação de prisão preventiva (logo, torna o crime inafiançável). Crime permanente + situação de inafiançabilidade (motivo para decretação da preventiva) = prisão em flagrante. Estão atendidos os requisitos constitucionais (diz o STF, em sua interpretação). Em síntese: o senador abusou da regra três. Ser corrupto é uma coisa já deplorável, mas interferir na investigação “já é algo que vai além do absurdo”. É a sensação de impunidade (reprovadíssima por Cármen Lúcia e Celso de Mello) que leva os corruptos poderosos a praticar um absurdo atrás de outro (como emitir bilhetes para destruir provas). Desde 2001 (EC 35/01) os deputados e senadores podem ser processados pelo STF, sem licença da Casa respectiva. Neste momento o Poder Jurídico de controle começou a tomar força. O poder é exercido conforme o resultado das forças condensadas dentro do Estado. O Poder Jurídico de controle (PF, MPF e juízes) está ganhando força (a cada dia) dentro da conformação do Estado Democrático brasileiro (só não vê quem não quer). Por sua vez, os políticos estão perdendo força (estão completamente deslegitimados, porque cuidam mais dos seus interesses particulares que os da população). O poder não tem vácuo. Se uma força perde, é porque outra ganha. Se o STF convalida a prisão em flagrante de um senador da República, é porque o poder jurídico está se institucionalizando.

Luiz Flávio Gomes Jurista, presidente do Instituto Avante Brasil

Ser corrupto é uma coisa já deplorável, mas interferir na investigação ‘já é algo que vai além do absurdo’. É a sensação de impunidade (reprovadíssima por Cármen Lúcia e Celso de Mello) que leva os corruptos poderosos a praticar um absurdo atrás de outro (como emitir bilhetes para destruir provas)”


MANAUS, SEGUNDAFEIRA, 30 DE NOVEMBRO DE 2015

3090-1019

politica@emtempo.com.br

DIVULGAÇÃO

Política

A5

PROTESTO

Grupo do AM está ilhado no Peru Dia a Dia A7

TRE-AM terá de garantir propaganda eleitoral no interior em 2016 Determinação faz parte das mudanças da minirreforma eleitoral já aprovada pelo Congresso Nacional

CAMILA CARVALHO

A

no rádio, especialmente no interior do Estado. Leland informou que as reuniões devem ser realizadas em cada município, tendo em vista que nas eleições municipais cabe ao juiz eleitoral definir a organização da disputa nas cidades. “Os juízes serão escolhidos em 2016 e, por isso, as deliberações referentes a isto (propaganda no horário eleitoral gratuito) só devem ser tomadas a partir do ano que vem”, disse. Nas eleições de 2012, os cartórios eleitorais de Itacoatiara, Boca do Acre, Maués, Careiro, Parintins, Iranduba, Autazes e Coari informaram que as coligações manifestaram interesse em produzir

DIVULGAÇÃO

partir das eleições de 2016, a Justiça Eleitoral terá de garantir a transmissão da propaganda eleitoral no horário gratuito no rádio e na televisão em todos os municípios que tenham geradora e/ou retransmissora de televisão, segundo a lei 13.165/15, a chamada minirreforma eleitoral. Se por um lado a alteração garantirá uma maior visibilidade aos candidatos com tempo de televisão e rádio, por outro, a Justiça Eleitoral terá que ter “jogo de cintura” para promover a veiculação do horário gratuito em um

Estado com dimensões continentais, como o Amazonas. De acordo com o assessor da presidência do Tribunal Regional Eleitoral do Amazonas (TRE-AM), Leland Barroso, a presidente do tribunal, desembargadora Socorro Guedes, tem reunião agendada nesta segunda-feira (30) com os juízes eleitorais do interior do Estado para discutir as alterações na legislação. Segundo ele, no próximo ano, o TRE-AM promoverá uma reunião com os dirigentes municipais dos partidos políticos no Amazonas para definir de que forma ocorrerá a veiculação do horário eleitoral gratuito na televisão e

Em Maués, Eduardo Braga (no centro) anunciou vários investimentos

os programas para rádio e os juízes acataram a proposta ao constatar que as rádios locais dispunham de estrutura para as transmissões. De acordo com o tribunal, houve veiculação da propaganda eleitoral no rádio e na televisão nesses municípios. Como funcionará De acordo com o Tribunal Superior Eleitoral (TSE), o parágrafo 3º do artigo 36 da reforma eleitoral estabelece que a transmissão da propaganda no horário eleitoral gratuito deverá ser assegurada nos municípios em que haja emissora de rádio e televisão e naqueles em que houver estação geradora de

serviços de radiodifusão de sons e imagens. A antiga legislação obrigava apenas os municípios com mais de 200 mil eleitores a disponibilizar propaganda eleitoral em rádio e TV, mas não era vedada a veiculação nos municípios que tivessem condições técnicas de fazê-la. O artigo 40 da minuta prevê que “nos municípios em que não haja emissora de rádio e televisão, a Justiça Eleitoral garantirá aos partidos políticos participantes do pleito a veiculação de propaganda eleitoral gratuita nas localidades aptas à realização de segundo turno de eleições e nas quais seja operacionalmente viável

realizar a retransmissão”. Segundo o TSE, “na prática, nas regiões metropolitanas onde existam mais de um município que recebam a transmissão das emissoras que operam na região, os partidos políticos deverão se reunir com os representantes das televisões e com a Justiça Eleitoral para definir quem transmitirá a propaganda de cada município. Se não houver acordo, a Justiça Eleitoral fará um sorteio”. De acordo com dados disponibilizados pelo Ministério das Comunicações, há no Amazonas sete geradoras de televisão e 156 retransmissoras das programações de emissoras nacionais.

INTERIOR DO AM

Braga anuncia investimentos Durante a abertura da 36ª Festa do Guaraná, neste final de semana no município de Maués (distante a 276 quilômetros de Manaus), o ministro de Minas e Energia, Eduardo Braga (PMDB), anunciou que, em 2016, os municípios da margem direita do Baixo Amazonas terão um investimento de R$ 151 milhões do governo federal, por meio do programa Luz Para Todos. Na comitiva de Braga estavam presentes a senadora Sandra Braga e os deputados estaduais Wanderley Dallas e Vicente Lopes, todos do PMDB, e a deputada Alessandra Campêlo (PCdoB).

ENERGIA Ministro de Minas e Energia, Eduardo Braga (PMDB) aproveitou sua presença na Festa do Guaraná, em Maués, para anunciar investimentos milionários do governo federal a municípios do Baixo Amazonas Além de um grupo gerador novo para atender a demanda da zona urbana, os investimentos para Maués chegarão a R$ 10 milhões para zona rural.

Agenda Na última sexta-feira, Braga cumpriu agenda em Maués, com o prefeito Padre Carlos Góes (PT), inaugurando uma UBS e a nova agência dos Correios, confirmando também um convênio da ordem de R$ 1 milhão para uma feira coberta que fazem parte dos investimentos do governo federal. Sobre a Festa do Guaraná, o ministro ressaltou a participação do governo federal, por meio dos ministérios de Turismo e Agricultura. “É a demonstração de uma parceria que valoriza a cultura e a principal atividade

do município que é o guaraná e cada vez mais se consolida”, declarou. Braga destacou o empenho do prefeito de Maués, que tem buscado alternativas para novos investimentos. “Em um ano de muitos desafios, não tem sido fácil para os prefeitos, principalmente quando aqueles que podem e deveriam ajudar não ajudam. A porta do governo federal está aberta para o Amazonas. Maués tem sabido trabalhar com a dedicação do Padre Carlos no sentido de aumentar cada vez mais essa parceria”, disse.


Opinião

MANAUS, SEGUNDAFEIRA, 30 DE NOVEMBRO DE 2015

DIVULGAÇÃO

A6

Cláudio Humberto Com Ana paula Leitão e Teresa Barros

www.claudiohumberto.com.br Cláudio Humberto

Sei que isso não será fácil”

Jornalista

EXSENADOR EDUARDO SUPLICY e sua dificuldade de continuar no PT e defender a ética do sítio da família Lula em Atibaia (SP), segundo Veja, numa articulação de Bumlai. E Lula não é considerado suspeito?

“Forças ocultas do governo”, segundo membros da CPI dos Fundos de Pensão, tentam barrar as investigações da comissão que apura o rombo dos fundos de pensão de empresas estatais, que lesou milhares de aposentados. Os ministros Ricardo Berzoini (Secretaria de Governo) e Jaques Wagner (Casa Civil) seriam os responsáveis pela frente governista contra a comissão na Câmara. Ordem seria “sufocar” a CPI

Na crise... O Portal da Transparência, site gerenciado pela Controladoria-Geral da União, que deveria conter todos os gastos do governo federal, parou de contabilizar como o governo Dilma gasta o dinheiro dos contribuintes.

Vaccari mete medo O Planalto quer evitar que o ex-tesoureiro petista preso João Vaccari Neto negocie acordo de delação premiada com o Ministério Público.

...transparência congelada Não há atualização para os gastos com cartões corporativos desde agosto; do Bolsa Família, desde setembro, assim como a conta de diárias pagas, transferências aos estados e a dívida pública da União.

Medo de luz O Planalto e a cúpula petista temem “efeito devastador” de possível delação do responsável por finanças do PT nas campanhas eleitorais. Além fronteira “A CPI reforça a tese do juiz Sérgio Moro” de que a Lava Jato é maior que a Petrobras, avaliou o presidente da CPI, Efraim Filho (DEM-PB). Negócio suspeito A CPI se concentra em investimentos do Postalis, fundo dos Correios, que acumula déficit de R$ 5,6 bilhões no Bank of New York (BNY). Sigilo em loterias da Caixa pode favorecer fraude A insistência da Caixa em manter sob sigilo os ganhadores dos milionários prêmios das loterias reforça suspeitas sobre o uso do dinheiro dos sorteios em esquemas de lavagem de dinheiro, por exemplo. Mexer nisso é como cutucar vespeiro: autor de um projeto que obrigava a Caixa a divulgar a identidade dos ganhadores de loteria, o ex-senador Gerson Camata (PMDB-ES) sofreu várias ameaças.

Lorota antiga A Caixa alega “questão de segurança” para manter o segredo. Só no Brasil apostadores de loteria não têm direito de saber quem venceu. Transparência Projeto de Álvaro Dias (PSDB-PR), sobre o qual se senta o relator José Pimentel (PT-CE), prevê “banco de dados” identificando ganhadores. Tem esquema Álvaro Dias apresentou seu projeto após alguém ser “premiado” mais de 500 vezes. “Um outro ganhou mais de 240 vezes em um mês”, diz. Em bloco O presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), diz que até segunda (30) decide sobre os pedidos de impeachment da presidente Dilma. O despacho será em bloco, vai resolver todos de uma só vez. Na fogueira Randolfe Rodrigues (Rede -AP) não vai esperar a Mesa do Senado sair da inércia e denunciar Delcídio do Amaral (PT-MS) no Conselho de Ética. Garante que nesta semana representa contra o senador preso. Lula, o inimputável A OAS, empreiteira do petrolão com contratos milionários na Petrobras, pagou a reforma

Prioridade mudou A pauta da próxima reunião da articulação do Planalto já está definida: Delcídio do Amaral. Mas até a prisão do líder do governo no Senado, Dilma havia convocado seus ministros para saber por que seu governo está tendo tantas dificuldades em aprovar projetos no Congresso. Crise continuada “Estamos vivendo uma crise continuada”, ironiza o deputado Danilo Fortes (PSB-CE), sobre a prisão de Delcídio do Amaral. Segundo ele, chegou a hora de discutir a implantação do Parlamentarismo no Brasil.

Prisão temporária de André Esteves (destaque) venceu ontem à noite, mas foi convertida para preventiva

STF converte prisão de

banqueiro para preventiva A pedido do procurador-geral da República, Rodrigo Janot, André Esteves e o chefe de gabinete, Diogo Ferreira, ficarão mais tempo na cadeia

B

rasília - O ministro do Supremo Tribunal Federal Teori Zavascki converteu, ontem, as prisões do banqueiro André Esteves e do chefe de gabinete do senador Delcídio do Amaral (PT-MS), Diogo Ferreira, de temporárias em preventivas a pedido da Procuradoria-Geral da República (PGR). Com isso, os presos pela Polícia Federal na operação Lava Jato na semana passada, que poderiam sair ontem, à meia-noite, continuarão encarcerados. A prisão do senador Delcídio do Amaral (PT-MS) já era preventiva. Segundo o ministro do STF, o material coletado nas buscas e

apreensões, e os depoimentos colhidos no decorrer das prisões temporárias, permitiram o preenchimento dos requisitos para a decretação das prisões preventivas. “De acordo com o artigo 312 do CPP (Código Processual Penal), esses requisitos são: garantia da ordem pública, da ordem econômica, por conveniência da instrução criminal, ou para assegurar a aplicação da lei penal, quando houver prova da existência do crime e indício suficiente de autoria”, informou o STF. Na defesa da prisão preventiva, o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, disse

que há “ofensa gravíssima à ordem pública diante da conduta dos dois investigados”. A PGR cita ainda, no pedido de prisão preventiva, que os objetos apreendidos na quarta-feira (25) e depoimentos prestados por investigados demostram “evolução em desfavor de André Esteves”. A prisão preventiva não tem prazo para terminar. Ela é considerada uma medida cautelar e busca evitar que o réu cometa novos crimes ou que, em liberdade, prejudique a colheita de provas ou fuja. A prisão preventiva não viola a garantia constitucional de presunção de inocência.

MINHA CASA

NONO NONO NONO

‘Forças ocultas’ do governo tentam barrar CPI

Rumo certo “A prisão do Bumlai mostra que a CPI do BNDES está no caminho certo”, afirma o deputado Betinho Gomes (PSDB-PE) sobre a prisão do pecuarista José Carlos Bumlai, amigo do ex-presidente Lula. Sua grana O rombo das contas do governo para 2016 era, em outubro, de R$ 33 bilhões. Passou para R$ 52 bilhões, e agora são R$ 120 bilhões.

PODER SEM PUDOR

Investigação federal sobre o programa mostra que há um esquema parecido com o da Lava Jato

Campos no cerrado

Programa é alvo de inquéritos

Hoje Brasília é cosmopolita, com todos os encantos de uma grande capital. Mas nos primeiros tempos era uma cidade árida, um canteiro de obras com pouca diversão, poucas crianças e poucos velhos. Muitos se queixavam da falta de mar (e de ar, nos períodos de baixa umidade), de montanhas e de esquinas, de solidão e tédio. Um dia, perguntaram ao senador mineiro Milton Campos o que ele achava de Brasília: - É um bocejo de 180 graus. Ele não viveu para constatar a extraordinária transformação de Brasília.

São Paulo e Novo Hamburgo (RS) - Nos moldes de esquema de corrupção revelado pela Lava Jato, o maior programa de habitação popular do país, o Minha Casa, Minha Vida, tem sofrido com organizações criminosas de empreiteiras de médio porte que se associam em cartéis para burlar concorrências, superfaturar obras, repassar propinas a agentes públicos e irrigar campanhas políticas com desvio de verba pública. A Polícia Federal, o Ministério Público Federal e a Controladoria-Geral da União já descobriram quatro casos como esse em três Estados. As fraudes ao programa, cujo orçamento já atingiu R$ 278 bilhões, são tantas que provocaram a abertura de mais de 300 ações, de acordo com um levantamento feito pelo grupo de trabalho do MPF dedicado ao tema. As denúncias envolvem ainda irregularidades na escolha de beneficiários, custo excessivo, baixa qualidade de casas, repasses de dinheiro

público sem o cumprimento dos serviços ou mesmo sem garantia. “Vemos que o programa abriu portas para a corrupção e o gasto desenfreado de dinheiro público”, afirma Edilson Vitorelli, procurador-chefe do grupo de trabalho sobre o Minha Casa. Irregularidades foram detectadas no Rio Grande do Sul, no Acre e em Minas Gerais, Estados onde projetos investigados somam mais de 4 mil unidades. Quando os envelopes de uma licitação para construção de 336 casas na cidade gaúcha de Novo Hamburgo foram abertos, em agosto de 2012, os promotores do Ministério Público já sabiam quem ganharia. Nos meses que antecederam a licitação, acompanharam a negociação por escuta telefônica de seis empreiteiros que formavam cartel e organizavam a fraude da concorrência pública. Um deles afirmava estar disposto a “comprar a noiva” - o que, segundo os investigadores, significava

pagar entre R$ 60 mil e R$ 80 mil para outras empresas desistirem do negócio de R$ 18 milhões. Outros comemoravam o fato de o preço por metro quadrado estar acima da média, e acertavam que o valor ofertado seria apenas cerca de R$ 1 mil abaixo do teto estabelecido. Naquele momento, o então prefeito era candidato à reeleição. O empresário “vencedor” da concorrência entregou R$ 300 mil à então diretora de Licitações da prefeitura, que garantiria as condições favoráveis do contrato em troca do repasse para a campanha municipal. A investigação virou processo, ainda sem julgamento. “ É exatamente a história da Lava-Jato, só que em menor escala. São empresas de poderio econômico relevante que disputam contratos públicos em negociações com políticos locais. Mas o modus operandi é o mesmo de empresas multinacionais”, disse o promotor Ricardo Herbstrith.


MANAUS, SEGUNDAFEIRA, 30 DE NOVEMBRO DE 2015

3090-1041

diadia@emtempo.com.br

JANAILTON FALCÃO

Dia a dia

A7

ALCATEIA

PMs podem atrapalhar trabalhos Dia a dia A8

Amazonenses ilhados após início de protesto no Peru D

esde a última quintafeira (26), cinco amazonenses estão impedidos de retornar ao Brasil por conta da interdição das rodovias no Estado Madre de Dios, a sudeste do Peru, orquestrada por um grupo de mineradores. A obstrução das rodovias foi articulada pela categoria desde o último dia 23 e segue por tempo indeterminado. Os mineradores exigem a anulação de três decretos legislativos que consideram ilegais as atividades desempenhadas e que beneficiariam apenas as empresas mineradoras. Trata-se dos decretos 1100 que regula a interdição de mineração ilegal, a 1220 que determina medidas contra a exploração madeireira ilegal, e a 1237, que aumenta as penas de crimes florestais. Aproximadamente 500 manifestantes estão distribuídos pela capital de Madre de Dios,

em Puerto Maldonado, além da cidade de Mazuco, obstruindo o tráfego da rodovia Transoceânica, que dá acesso ao território brasileiro, pelo Estado do Acre. Os manifestantes também armaram uma barricada na cidade de Iñapari, na província de Tahuamanu, localizada na tríplice fronteira entre o Peru, Brasil e Bolívia. Sem poder deixar o país pela rodovia que cruza o Estado de Madre de Dios, o grupo de amazonenses aguarda o fim dos protestos no Estado de Cuzco. “O relato que estamos tendo da imprensa local é de até ambulâncias tiveram o pneu furado com pacientes dentro. É violência mesmo. Soubemos de outros brasileiros que estão na área de conflito e outros que estão em situação semelhante à nossa”, relatou o médico Ricardo Amaral Filho, 37, que tenta retornar ao Amazonas. Amaral entrou no país no dia 22, acompanhado dos amigos médicos George Nobre Vieira,

31, Ricardo Cesar Garcia Amaral, 65, o tatuador Odilon Planca, 52, e o empresário Cláudio Sérgio Ramos Batista, 46. “Estávamos fazendo um ‘mototurismo’, então viemos com um carro de apoio com uma carretinha e três motos. Na quinta-feira (26) iniciaríamos o retorno, mas na estrada Transoceânica ficamos sabendo das dificuldades. Então, aconselhados pelo nosso consulado, decidimos não ir para Madre de Dios, onde está tendo conflito, por questão de segurança”, informou. O grupo também entrou em contato com a embaixada brasileira, que o aconselhou a permanecer em Cuzco. Para conter os gastos, uma vez que não há previsão para o fim dos protestos e retorno do grupo, os amazonenses têm buscado gastar somente o necessário para manter-se no país. Ainda segundo ele, o grupo aguarda a liberação da rodovia, mas teme que a greve se estenda a Cuzco, no próximo mês.

Grupo de amigos aguarda liberação das rodovias peruanas para seguir de volta ao Brasil de motocicleta

‘NOVENA VERDE’

Ação marca Dia Mundial pelo Clima IVE RYLO E LUIS HENRIQUE OLIVEIRA

Para chamar a atenção quanto à importância de cultivar mais árvores e evitar o desmatamento, 300 mudas de plantas ornamentais e frutíferas foram distribuídas ontem pela manhã aos fiéis que participaram da abertura do novenário de Nossa Senhora da Conceição, na igreja Matriz, no Centro. O evento abriu a semana de homenagens ao dia da padroeira do Amazonas, comemorado do próximo dia 8. A ação também marcou as atividades do dia da Mobilização Mundial pelo Clima, celebrado neste domingo. Durante a homilia o arcebispo metropolitano, dom Sérgio Castriani, destacou a necessidade de cuidar melhor de Manaus, que mesmo cravada no seio da Floresta Amazônica, carece de arborização. “A igreja sempre foi sensível à preservação. Precisamos cuidar do ambiente criado por Deus e deixado para nós. Tudo foi criação

divina e somos os cuidadores. Esta questão ambiental tem sido cada vez mais urgente e não podemos ficar indiferentes”, salientou o arcebispo. A ação foi iniciativa do grupo da sociedade civil “Manaus + verde” que neste ano, junto a

MUSA Outra ação referente à data foi a reunião promovida pelo Museu da Amazônia (Musa), com o grupo de Pesquisa, Questão Social e Serviço Social, do diretório de grupos do CNPq/ Ufam outros grupos, realizou diversas atividades em prol da arborização de Manaus. “Tivemos a honra de poder participar da novena junto ao arcebispo e divulgar a campanha. Hoje (ontem) é Dia Mundial da Mobilização do Clima e é importante levarmos esta mensagem

adiante”, afirmou a integrante do grupo, Lais Lopes. As 300 mudas distribuídas foram cedidas pela Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Sustentabilidade (Semmas), e de acordo com o secretário titular da pasta, Itamar Mar, em 2016 serão plantadas 10 mil mudas em 56 logradouros públicos, distribuídos por 35 bairros na cidade. “De 2013 para cá já plantamos mais de 283 mil mudas. Em 2016 temos um projeto de arborização em que vamos aproveitar o período chuvoso para iniciar o plantio”, afirmou. A pensionista Maria de Nazaré Amorim, 63, foi a primeira a receber das mãos do arcebispo a muda, que já tem lugar garantido próximo aos pés de boldo, tajá, espada de São Jorge e hortelãzinha que ela cultiva no quintal. “Achei essa ação muito bonita e importante para tocar no coração das pessoas a necessidade de preservar o meio ambiente, para evitar consequências ruins. Eu mesmo adoro cuidar das plantinhas”, disse. MÁRCIO MELO

IVE RYLO

DIVULGAÇÃO

Grupo faz excursão de motocicleta e ao iniciar a viagem de volta ao Brasil foi surpreendido com rodovias interditadas

Arcebispo chamou a atenção dos fiéis para a necessidade de preservar e cuidar melhor de Manaus


Dia a dia

MANAUS, SEGUNDAFEIRA, 30 DE NOVEMBRO DE 2015

Roubo e sequestro de taxista termina em prisão

ALCATEIA

Beneficiados por alvarás militares seguem presos THAÍS GAMA

DIVULGAÇÃO

Viatura da 27ª Cicom fazia patrulhamento no Coroado, quando se deparou com uma pessoa dentro do porta-malas de um veículo em atitude suspeita

Dois policiais militares, dos 11 presos durante a operação Alcateia da Polícia Federal, na última sexta-feira, (27), foram beneficiados no sábado (28) com o alvará de soltura, por conta do flagrante de porte ilegal de arma de fogo de uso permitido. Entretanto, como foram presos por suspeita de envolvimento com o grupo de extermínio, que matou, pelo menos, 38 pessoas no conhecido “fim de semana sangrento”, continuarão presos, temporariamente, no Batalhão de Guarda, no bairro Monte das Oliveiras, Zona Norte, até a conclusão das investigações. De acordo com o presidente da Associação dos Praças do Estado do Amazonas (Apeam), solda-

do Gerson Feitosa, dos 11 praças presos na operação, três foram autuados em flagrante e dois deles conseguiram alvará de soltura, mas não foram liberados para não atrapalhar o andamento do inquérito. “Conseguimos quebrar dois flagrantes e vamos em busca do terceiro. Esses PMs que foram presos em flagrante sequer foram detidos em posse da arma e, sim, em locais onde eles moravam. A nossa ideia é quebrar o terceiro flagrante e conseguir tirá-los da prisão temporária”, disse. O presidente da Apeam disse, ainda, que a alegação da Secretaria de Segurança Pública (SSP-AM), era de que os militares estariam atrapalhando as investigações e, por esse motivo, deveriam permanecer presos. JANAILTON FALCÃO

A8

Quarteto tentou fugir da polícia, mas acabou sendo preso após perder o controle do veículo e subir no canteiro central da pista, no Coroado MICHELLE FREITAS

A

lexandre Menezes da Silva, 28, e Klinger Barbosa, 32, foram presos e dois adolescentes apreendidos, após roubarem um táxi de placa OAM 0981 e sequestrar o proprietário do veículo, cujo nome não foi divulgado, na madrugada de ontem, na rotatória do Coroado, Zona Leste. Conforme informações de policiais militares da 27ª Com-

panhia Interativa Comunitária (Cicom), que atenderam a ocorrência, a guarnição patrulhava a avenida João Câmara, na Zona Norte, quando avistou um táxi em atitude suspeita, no sentido contrário da via. Os policiais fizeram o retorno, e começaram a seguir o veículo e pediram reforço das viaturas da área. Segundo a polícia, durante a perseguição, o porta-malas do veículo abriu e os policiais notaram uma pessoa dentro.

Em seguida, os suspeitos jogaram uma arma de fogo pela janela do automóvel. Os PMs ordenaram que o condutor parasse o carro, mas ele não obedeceu e seguiu em frente. Nas proximidades da rotatória do Coroado, o carro perdeu o controle e subiu no canteiro central da via. Os ocupantes do veículo foram detidos pelos policiais da Força Tática, que foram acionados para ajudar na ocorrência. Com os assaltantes foram encontrados a

quantia de R$ 719, além de vários celulares. O quarteto foi levado para o 6ºDitrito Integrado de Polícia (DIP). Após prestar depoimento, Alexandre e Klinger foram levados para a cadeia pública desembargador Raimundo Vidal Pessoa, no Centro, onde ficarão à disposição da Justiça. Já os adolescentes foram encaminhados à Delegacia Especializada em Apurações de Atos Infracionais (Deaai), na Zona Oeste.

Militares são suspeitos de integrar um grupo de extermínio


FIM DE ANO

Especialistas alertam para despesas

Economia MANAUS, SEGUNDAFEIRA, 30 DE NOVEMBRO DE 2015

3090-1019

MÁRCIO MELO

Economia B2

B1

economia@emtempo.com.br

Pagamento do 13º salário vai injetar R$ 200 milhões MÁRCIO MELO

Benefício está previsto para ser pago aos servidores públicos municipais e estaduais a partir do dia 16 de dezembro GERSON FREITAS

A

Expectativa é de que boa parte do décimo que será recebido pelo funcionalismo público será usada para quitar dívidas e também para fazer compras no comércio varejista

rios, os servidores do Estado serão os primeiros a receberem o pagamento da segunda parcelo do 13º salário. Para o governador José Melo, esses recursos vão movimentar a economia do Estado e, também, elevar a receita estadual. “A partir de janeiro do próximo ano, o governo do Estado vai ampliar sua arrecadação”, afirmou Melo. Colaborou Martins

Henderson

CALENDÁRIO Composição dos grupos do cronograma de pagamento dos servidores do Estado Dia 16 de dezembro

Dia 17 de dezembro

I – Aposentados, pensionistas especiais, PMAM e CBMAM (Capital e Interior). Interior: Susam, Sefaz, Sejus, Seduc, Idam, Seprors, Suhab, SNPH, UEA e Adaf II – Distritos Educacionais Seduc: 01, 02, 03 e 04. III – Distritos 05, 06, 07 e Seduc Educacionais Seduc: Sede IV 0 Susam capital.

V – Sefaz, Sejus, Seplan, Sead, Polícia Civil, SEC, SSP, Setrab, Seinfra, Seas, SPF, Detran, Sejel, SDS, Seprors, Sect, SERGB, SRMM, Seind, Searp, SEMGRH e Seped I. VI – Fuam, FCecon, FHemoam, FMT, FHAJ, FVS, Ipem, Idam, Iteam, Ipaam, Jucea, FVO, IMP. Oficial, Funtec, Fapeam, Suhab, Arsam, SNPH, UEA, Cetam FEH, Fundação Amazonprev e Adaf.

VII – Casa Civil, Agecom, GAB.VICE, PGE, ERGSP, Ouvidoria, Casa Militar, CGL, UGPI, CGE e UNID. GEST. Cidade Universitária. OBS.: O pagamento do benefício por parte do Estado corresponde a 50% do valor do salário do funcionário e nesta segunda parcela, contará com os descontos de encargos sociais, deduções relativas ao Imposto de Renda e a Amazonprev, afirmou o Governo do Estado.

GÊNERO

Igualdade renderá R$ 850 milhões Para além do discurso politicamente correto, a igualdade entre homens e mulheres no mercado de trabalho é também lucrativa. De acordo com estudo da consultoria McKinsey, a paridade entre os gêneros elevaria em US$ 28 trilhões o PIB (Produto Interno Bruto) mundial até 2025. No caso do Brasil, a economia ganharia US$ 850 bilhões ao longo dos próximos 10 anos - o equivalente à soma das regiões Nordeste e Sul do país, ou um crescimento de 30% do PIB nacional. Isso ocorre porque a discriminação impede que a mulher atinja todo seu potencial no trabalho. Uma funcionária vítima de violência doméstica, por exemplo, falta mais ao trabalho e apresenta uma produtividade menor. Atualmente, as mulheres

são metade da população brasileira, compõem 44% da força de trabalho e detêm 35% do PIB. “A discrepância entre os números acontece principalmente porque elas têm participação menor na mão de obra, tendem a se concentrar em setores menos produtivos, como agricultura, e muitas trabalham em tempo parcial”, afirmou a gerente sênior da McKinsey, Mariana Donatelli. Os dados foram discutidos na semana passada, durante a 5ª edição do Fórum Mulheres em Destaque, organizado pela CKZ Eventos com apoio da ONU Mulheres, do Insper e da Fundação Getúlio Vargas, entre outras instituições, na Fecomércio-SP (Federação do Comércio do Estado de São Paulo). A pesquisa baseou-se em

15 indicadores, como participação da mulher na força de trabalho e nível de escolaridade, para criar uma escala de 0 a 1 de igualdade, em que

CHEFIA A presença de mulheres na alta hierarquia das empresas é baixa, disse a professora Lígia Paula Sica, que é coordenadora do grupo de pesquisas em direito e gênero da Fundação Getúlio Vargas (FGV) 0 é o mais desigual. A pontuação do Brasil no ranking de igualdade de gênero foi de 0,66, dentro da média da América Latina, cuja pontuação foi de 0,64. As

regiões melhores colocadas foram a América do Norte e a Oceania, com 0,74 pontos. O desempenho brasileiro foi pior nos quesitos diferença de salário pago para homens e mulheres pela mesma atividade, trabalho não remunerado (atividades domésticas), e representação política. Em todas essas categorias, o nível de desigualdade foi considerado extremamente alto. “Quando perguntamos às empresas se elas pagam salários diferentes, todo mundo diz que isso é impossível, que seria discriminação. Mas quando você olha para uma base de dados, de fato há uma dispersão, por razões como a mulher negocia menos sua remuneração”, afirmou a sócia-diretora da McKinsey, Tracy Francis. Para ela, a desigualdade acontece de forma

inconsciente nas empresas, e faltam dados que mostrem de modo objetivo o problema. “Se fosse uma resistência ativa, seria mais fácil abordar a questão”, disse Francis. Outra barreira para a igualdade no cenário brasileiro é de que o tema não faz parte da agenda de muitos presidentes de empresas. Se a questão não é definida como uma prioridade pela liderança, ela não avança, e acaba sendo tratada como um assunto secundário pelas áreas de recursos humanos. O país foi bem na proporção de mulheres em cargos profissionais e técnicos, no nível de escolaridade, na inclusão digital, na proporção entre sexos no nascimento (não há preferência por filhos homens) e no casamento infantil. A pesquisa foi a primeira

a ligar indicadores sociais, como violência, ao mercado de trabalho. A conclusão é de que a igualdade profissional não acontece se não houver também melhorias em questões como mortalidade materna e representação política. A militância das jovens, simbolizada em ações como a campanha #AgoraÉQueSãoElas e #PrimeiroAssédio, é interpretada como um bom sinal por Francis, mas não suficiente para mudar o cenário. “É difícil prever, mas se a gente abre o funil de líderes, com mais mulheres na base, elas vão naturalmente subindo mais. Ainda teremos, porém que tomar ações para retê-las, porque aos 20 você pensa diferente do que aos 40 (quando têm família, por exemplo)”, disse.

FONTE: GOVERNO DO ESTADO

o menos R$ 200 milhões serão injetados na economia local com o pagamento da segunda parcela do 13º salário dos servidores municipais e estaduais. A previsão é que o benefício comece a ser pago a partir do dia 16 de dezembro. Deste total, aproximadamente R$ 150 milhões serão destinados ao pagamento da última parcela do 13º dos 73,6 mil servidores estaduais e R$ 50 milhões serão para os 32 mil funcionários do município. Segundo o prefeito Arthur Neto, o pagamento da segunda parcela do 13° salário dos servidores municipais está assegurado. “A Prefeitura de Manaus está preparada e com recursos necessários para pagar os servidores municipais”, disse. O secretário municipal de Finanças (Semef), Ulisses Tapajós, acrescentou que o município tem tomado uma série de medidas para minimizar as frustrações de receitas e assim poder assegurar os investimentos essenciais e honrar com o pagamento do funcionalismo público. “Em julho, cumprimos com o pagamento da primeira parcela do décimo. Agora, no pagamento de outubro, antecipamos os vencimentos do mês em virtude do Dia do Funcionário Público e já temos provisão para pagar a segunda parcela do décimo para o próximo dia 17 de dezembro”, assegurou Tapajós. De acordo com os calendá-


B2

Economia

MANAUS, SEGUNDAFEIRA, 30 DE NOVEMBRO DE 2015

Especialistas alertam para os gastos de fim de ano A

s despesas extras de fim de ano se aproximam e as perspectivas são de que a economia ainda não terá se recuperado em 2016. Por isso, os brasileiros devem ter atenção para não exagerar nos gastos e começar o ano com recursos equilibrados. Segundo economistas, para não extrapolar o orçamento, a recomendação é a velha fórmula de colocar as contas na ponta do lápis e planejar. A economista-chefe do Serviço de Proteção ao Crédito (SPC-Brasil), Marcela Kawauti, explicou que um erro comum na época de festas é calcular apenas as despesas com o lazer. “Tem que tomar muito cuidado com isso. Tem viagem, presente, ceia, roupa, só que janeiro também tem muitos gastos. Na hora de fazer planos para o 13º e o salário desses dois meses, tem que levar em consideração tudo, não só os gastos do Natal, Ano-Novo e férias”, disse, lembrando que despesas como material escolar, seguro do carro, IPTU e IPVA costumam se concentrar no início do ano. Ela destacou que a maioria das pessoas não tem o hábito de fazer o planejamento financeiro. “As pessoas gastam muito tempo ganhando dinheiro. Mas muita gente não gasta nem uma hora por semana olhando seu planejamento”, comentou. Para quem está endividado, a recomendação da economista é usar a renda extra do fim de ano para quitar as obrigações. “Em primeiro lugar, essa pessoa deve fazer tudo para pagar. Seja com o 13°, cortando algum gasto ou vendendo algum bem. Em segundo, precisa fazer uma análise boa da

MÁRCIO MELO

Segundo eles, os brasileiros devem tomar alguns cuidados para não exagerar nas compras e começar o ano endividados sua vida financeira, revisar seus hábitos”, afirmou. Os que terminaram 2015 sem dívidas podem comemorar mais tranquilos, mas, segundo Marcela, não estão livres da necessidade de rever hábitos, ainda mais levando-se em conta a crise econômica. Planejamento A vendedora Laís Augusto, 26 anos, afirmou que o mais difícil no planejamento de seus gastos são as compras por impulso. “Eu até tento planejar, mas não consigo. Quando sobra dinheiro e

DICAS O economista Gilberto Braga recomenda que a forma de registro do orçamento seja acessível. Segundo ele, o ideal é que se anote no papel qualquer dado de fácil manipulação e o mantenha à disposição aparece alguma coisa que quero comprar, compro, mesmo sem necessidade. Se tem alguma urgência, preciso recorrer à minha mãe ou à minha sogra para pegar dinheiro emprestado”, relatou. A auxiliar de cozinha Sami Caroline, 22 anos, é mais organizada. Ela disse que planeja seu orçamento minuciosamente. “Anoto tudo que preciso gastar no início do mês e só gasto com isso em mãos. Também pesquiso bem antes de comprar. Assim, eu consigo economizar um pouco no fim do mês. Algo que faço é jamais comprar para pagar depois. Compro tudo à vista. É melhor juntar um dinheirinho e comprar pouco do que se endividar”, disse.

Com a chegada do período de fim de ano, consumidores tendem a gastar mais com a compra de presentes e acabam contraindo novas dívidas

Planejar orçamento é fundamental Professor de Finanças da Faculdade de Ciências Sociais Aplicadas Ibmec, o economista Gilberto Braga dá dicas para quem tem dificuldade em planejar o orçamento ou decidir que gastos cortar. Segundo ele, o acompanhamento das

despesas deve ser adaptado às características de cada pessoa. “Tem gente que anota centavo a centavo e tem gente que faz um registro mais global. O ideal é que, cada um com sua característica, as pessoas saibam no que estão usando

o seu dinheiro”, comenta. Segundo o economista, o orçamento mensal deve conter as entradas e saídas de dinheiro. No caso das saídas, ele sugere dividir as despesas entre obrigatórias e variáveis. Nos gastos obrigatórios entram alu-

guel, supermercado, água e luz, por exemplo. Nas despesas opcionais, podem ser elencadas saídas à noite ou compra de presente de aniversário. A divisão ajuda a visualizar onde é possível cortar gastos, explica Braga.

ESOCIAL

Recolhimento do DAE termina hoje Termina hoje (30) o prazo para recolhimento do Documento de Arrecadação do eSocial (DAE), o regime unificado de pagamento de tributos, contribuições, FGTS e demais encargos devidos

pelo empregador doméstico. Inicialmente, o vencimento da arrecadação seria no começo do mês, em 6 de novembro, mas problemas na emissão da guia de recolhimento, no site do eSocial,

levaram o governo federal a adiar a data. Os contribuintes que conseguiram emitir a guia com vencimento em 6 de novembro, mas não fizeram o pagamento no prazo inicial, de-

vem gerar outro documento, no Portal do eSocial, com a nova data. Desde a implantação do programa, foram cadastrados mais de 1,25 milhão de trabalhadores domésticos

para mais de 1,18 milhão de empregadores – alguns empregadores contratam mais de um empregado. De acordo com a Receita Federal, até o momento, mais de 600 mil Documentos de Arrecadação

do eSocial foram gerados. Em caso de dúvidas sobre o cadastramento e geração do DAE, o empregador doméstico poderá consultar o Manual do eSocial para o Empregador Doméstico.


B3

MANAUS, SEGUNDAFEIRA, 30 DE NOVEMBRO DE 2015

3090-1019

EBC

País

REUNIÃO O Ministério do Planejamento fez uma reunião com técnicos da pasta e com o ministro Nelson Barbosa para discutir detalhes do corte de R$ 10,7 bilhões nas despesas do governo. O contingenciamento, o terceiro do ano, cujo decreto será publicado nesta segundafeira (30)

redacao@emtempo.com.br

Ato denuncia aumento da intolerância religiosa B

rasília - Entidades que representam a cultura afro-brasileira fizeram, no final de semana, no Distrito Federal um ato religioso para repudiar os recentes ataques a terreiros de candomblé em Brasília e nas cidades localizadas no entorno da capital federal. O mais recente deles ocorreu na madrugada da última quinta-feira (27) no Núcleo Rural Córrego do Tamanduá, no Paranoá, região administrativa do Distrito Federal (DF) que fica a cerca de 20 quilômetros da região central de Brasília. O fogo destruiu o barracão onde os membros do terreiro Axé Oyá Bagan se reúnem, mas ninguém ficou ferido. Os crimes são investigados pelo Ministério Público e pela Polícia Civil. Em meio a pedaços de madeira queimada e instrumentos musicais destruídos, os membros do terreiro se reuniram para afirmar que não vão tolerar os atos de vandalismo. Em três meses, este foi o quinto ataque

a templos de religiões de matriz africana no Distrito Federal e no entorno. Também participaram do ato representantes da Ordem dos Advogados do Brasil no DF (OAB-DF) e da Comissão de Direitos Humanos da Câmara dos Deputados. Segundo o ouvidor da Secretaria de Promoção da Igualdade Racial (Seppir) da Presidência da República, Carlos Alberto de Souza, os templos ligados às religiões africanas da capital federal têm sido alvos frequentes de vandalismo, tipo de crime que, para ele, não pode ser considerado somente dano patrimonial, porque, além dos danos nas instalações físicas, todos os objetos ligados à religiosidade são destruídos. “Nosso país é laico. Não pode interferir nas religiões, mas também não pode embaraçá-las. Não é somente uma questão de religião. Tem uma cultura que deve ser preservada e não pode ser alvo de violência. É algo assustador, e a gente precisa reagir”, disse.

VALTER CAMPANATO

Manifestantes criticaram ataques contra terreiros do candomblé ocorridos na capital federal e pedem providências

Fogo destruiu barracão onde os membros do terreiro Axé Oyá Bagan se reúnem no DF

Muçulmanas agredidas no Paraná Para a presidenta da Fundação Cultural Palmares, Cida Abreu, o que está em discussão não são só os atos de violência, mas a negação, pela sociedade, de um patrimônio ancestral do Brasil.

“O Estado e o governo têm que tomar uma atitude. Qualquer religião tem direito de ser resguardada pela segurança nacional”, disse. Na semana passada, membros da comunidade muçul-

mana de Curitiba (PR) sofreram agressões. As vítimas - duas mulheres que usavam véu - foram atacadas com pedras e xingamentos. A Prefeitura de Curitiba emitiu nota em que se so-

lidariza com as vítimas. A polícia investiga os casos. “Os agressores devem ser responsabilizados criminalmente”, disse o diretor da Sociedade Muçulmana do Paraná, Gamal Oumairi.

SAMARCO

CGE apura licenças irregulares Belo Horizonte - A Controladoria-Geral do Estado (CGE) de Minas Gerais abriu sindicância para apurar possíveis irregularidades de servidores públicos na concessão de licenças para a atuação da mineradora Samarco em Mariana, cidade que fica localizada a 124 quilômetros de Belo Horizonte, capital do Estado de Minas Gerais. A medida foi instaurada em 14 de novembro, nove dias depois do rompimento de uma barragem de rejeitos minerais que deixou um rastro de destruição que chega ao litoral do Espírito Santo. São investigadas a concessão de licenças para a mina Germano e a barragem de Santarém, que não se romperam, mas estão com as estruturas estáveis e recebem reforços para não ceder. A Controladoria informa que, até o momento, ouviu quatro servidores e tomou

medidas para obter a documentação relacionada aos licenciamentos. A sindicância corre em sigilo. Responsabilidades São apuradas as responsabilidades de quatro

ALERTA Rio de Janeiro voltou ao estágio de atenção ontem. De acordo com o Centro de Operações da Prefeitura do Rio, áreas de instabilidade associadas à chegada de uma frente fria provocaram alerta no Estado

órgãos estaduais: a Semad (Secretaria de Meio Ambiente), o Igam (Instituto de Gestão de Águas), a Feam (Fundação Estadual do Meio Ambiente) e o IEF (Instituto Estadual de Florestas). Duas pes-

soas da Controladoria fazem parte da comissão de sindicância. Se forem encontradas irregularidades cometidas por funcionários públicos, serão tomadas sanções administrativas, que podem chegar à exoneração. Além disso, a depender do que for encontrado, podem ser feitos pedidos à Justiça de abertura de ação civil por improbidade ou que o Ministério Público faça denúncia criminal. Destruição O rompimento da barragem da Samarco destruiu o subdistrito de Bento Rodrigues e tem 13 vítimas fatais, 11 delas já identificadas, além de oito desaparecidos. Além da investigação administrativa da CGE, as causas e responsabilidades da tragédia são apuradas pelo Ministério Público Federal, Estadual e Polícia Civil.

RIO DE JANEIRO

Naufrágio deixa desaparecidos SXSXSXSX sxsx sxsx sxsx sxsx sxsx sxsx sxsx sxsx sxsx sxsx

sxsx sxsx sxsx sxsx sxsx sxsx sxsx sxsx sxsx sxsx

sxsx sxsx sxsx sxsx sxsx sxsx sxsx sxsx sxsx sxsx

sxsx sxsx sxsx sxsx sxsx sxsx sxsx sxsx sxsx sxsx

Rio de Janeiro - O naufrágio de uma escuna na noite do último sábado (28) deixou cinco turistas desaparecidos na baía da Ilha Grande, em Angra dos Reis (RJ). A embarcação afundou com 13 pessoas a bordo próximo à Ilha dos Meros. Oito foram resgatadas sem ferimentos graves. Os bombeiros mobilizaram um helicóptero, mas

suspenderam o trabalho na tarde de domingo (29), devido ao mau tempo na região. A escuna Minas Gerais levava turistas de Arantina (MG), que foram até o litoral fluminense para pescar. O resgate foi feito por pescadores locais, que ouviram gritos. Três vítimas foram socorridas na água. Outras cinco nadaram até a praia de Provetá, na Ilha Grande.

A polícia identificou os desaparecidos como Atail Almeida Bezerra, José Geraldo da Silva, José Assis da Silva, Wellington Sandro da Costa e Fernando Castro de Souza. Os dois tripulantes da escuna se salvaram e não tiveram os nomes divulgados. A Capitania dos Portos abrirá inquérito. O resultado deve ser divulgado em até 90 dias.


MANAUS, SEGUNDAFEIRA, 30 DE NOVEMBRO DE 2015

3090-1019

Netanyahu repudia o plano de paz europeu

Corpo de piloto russo é recuperado pela Turquia APHOTO

O

Nova onda de violência já matou cem palestinos e 19 israelenses

levando a diplomacia dos Estados Unidos a se envolver em uma solução diplomática para o conflito que se arrasta há décadas. Na última terça-feira (24), o secretário de Estado norte-americano, John Kerry, abordou o assunto com Netanyahu e também com o presidente palestino,

Mahmud Abbas, em reuniões em Jerusalém e Ramalá, avançando com um conjunto de medidas para acalmar os ânimos, entre as quais uma petição para que Israel passe algumas áreas da Cisjordânia (a Zona C, segundo a tipificação dos Acordos de Oslo) para a jurisdição palestina (Zonas A e B).

Polícia de Paris deteve ontem centenas de manifestantes que se opõem à realização da Conferência sobre o Clima. “São pequenos grupos violentos que atacaram a polícia com projéteis e até mesmo com uma bola de boliche”, informou o chefe de polícia de Paris, Michel Cadot

CRISE DIPLOMÁTICA

“Nem um metro quadrado será devolvido aos palestinos”, afirma o líder radical israelense em resposta para a UE

primeiro-ministro de Israel, Benjamin Netanyahu, assegurou ontem (29) que não vai transferir “nem um metro quadrado” de território para os palestinos, respondendo às medidas apresentadas pela União Europeia para acalmar as tensões na região. “Não haverá transferência de territórios para os palestinianos, nem 40 mil metros quadrados, nem 10 mil, nem um metro quadrado”, disse Netanyahu em uma reunião do partido. O dirigente israelense comentou a proposta, em debate nas últimas semanas, para melhorar as condições de vida dos palestinos e acalmar as tensões que aumentaram desde o final de setembro. Agravada em outubro, a nova onda de violência já provocou mais de cem mortes do lado dos palestinos, além de 19 israelenses, um eritreu e um norte-americano. A propagação da violência despertou o receio de uma terceira Intifada (rebelião popular palestina contra forças de ocupação de Israel),

redacao@emtempo.com.br

A Turquia recuperou o corpo de um dos pilotos do avião russo derrubado na semana passada pelo país e o entregará à Rússia, anunciou ontem (29) o primeiro-ministro turco, Ahmet Davutoglu. “Durante a noite passada, nos entregaram na fronteira (síria) o corpo do piloto que faleceu durante a violação do espaço aéreo turco pelo avião russo”, disse Davutoglu. Um representante russo viajará em breve ao lado de um oficial do exército turco para a região de Hatay, na fronteira com a Síria, onde o corpo será entregue, completou o chefe de governo. “De acordo com a tradição religiosa, clérigos ortodoxos celebraram rituais funerários em Hatay”, disse. De acordo com a embaixada russa na Turquia, citada pela agência RIA Novosti, o corpo do piloto Oleg Peskov será trasladado para Ancara por um adido militar russo. A data da repatriação para a Rússia não foi divulgada. A Turquia afirma que derrubou na terça-feira passada um avião militar

AVAAZ

Mundo

B4

FRANÇA

que violou seu espaço aéreo, mas A Rússia alega que o Su-24 sobrevoava apenas o território sírio como parte da campanha aérea para apoiar o regime de Bashar al-Assad. Um dos pilotos morreu no momento em que caía de paraquedas depois de ejetar-se do avião, enquan-

RETALIAÇÃO A Rússia impôs sanções econômicas à Turquia em decorrência do abate de um avião de sua força aérea na fronteira com a Síria. O decreto foi assinado pelo presidente russo, Vladimir Putin to o outro foi resgatado em território sírio após uma operação conjunta das forças especiais russas e síria. O incidente provocou uma crise diplomática entre Ancara e Moscou, que neste sábado (28) anunciou uma série de sanções econômicas contra a Turquia como medida de represália.

COP21

Pontos do acordo são obrigatórios A secretária-executiva da COP-21, a costa-riquenha Christiana Figueres, afirmou que os pontos do acordo sobre mudanças climáticas serão “legalmente vinculantes”, ou seja, terão força de lei entre os países que participam da conferência da ONU em Paris. “É claro que vai ser um acordo legalmente vinculante”, afirmou. “Mas é muito simplista achar que será da mesma maneira do Protocolo de Kyoto (1997). Isso é muito mais complexo. Nós temos diferentes níveis, natureza, de um acordo legalmente vinculante. O desafio é reunir todos esses aspectos. Não há um mais complicado que o outro”, ressaltou a dirigente da conferência que começa em Paris nesta segunda. A expectativa é que cerca de 150 chefes de Estado estejam na capital francesa para a abertura da COP-21 nesta segunda (30). O evento termina oficialmente no dia 11 de dezembro. Figueres minimizou o teor das declarações do secretário de Estado americano, John Kerry.


MANAUS, SEGUNDAFEIRA, 30 DE NOVEMBRO DE 2015

3090-1042

plateia@emtempo.com.br

DIVULGAÇÃO

O Amazon Bowling anuncia a promoção “Férias no Boliche”, na qual o cliente joga por R$ 24,99 a hora, de segunda a sexta, entre 15h e 19h, até dia 22 de janeiro de 2016, nas unidades do Adrianópolis, Studio 5 e Sumaúma Park Shopping (que inaugura hoje para convidados). As regras estão em amazonbowling.com.br.

Karine Aguiar lança clipe em Paris A cantora amazonense apresenta “Não mate a mata”, composição de Adelson Santos, nesta quarta e quinta-feira

P

ara o seu primeiro videoclipe oficial, Karine Aguiar escolheu a composição do maestro amazonense Adelson Santos, “Não mate a mata”, que completa 40 anos de existência e continua atual. A nova versão foi gravada em Manaus, com direção do músico e pesquisador Ygor Saunier, da própria Karine e de seu produtor musical em Paris, Rômulo Marques. O maestro, que completou 55 anos de carreira, é autor de outras obras musicais importantes como a ópera “Dessana Dessana” (texto de Aldísio Filgueiras e Márcio Souza), que conta a origem do mundo na visão da etnia Dessana. O novo arranjo de “Não mate a mata” também conta com a voz e o violão de Adelson Santos. Os músicos amazonenses convidados para esta gravação histórica foram Neil Armstrong Jr (responsá-

vel pela captação de áudio, dividindo também os violões com o maestro), o charanguista Arlen Barbosa, o baixista Sérvio Túlio e Ygor Saunier (bateria e percussão). A versão feita por Karine Aguiar procura não fugir tanto do arranjo original, mas foram acrescentados elementos da música clássica, ritmos amazônicos como o “retumbão” (ritmo de Bragança/PA), o Marabaixo (ritmo do Amapá) e o “boi de rua”. Em relação ao videoclipe propriamente dito, a proposta de filmá-lo veio a partir de um pedido de Antônio Cançado, diretor-presidente da ONG franco-brasileira “Brasil France 21”, durante um dos shows na temporada de Karine na França em 2014, cuja produção executiva também foi assinada por ele. O clipe, para o lançamento, conta também com legen-

Cena do videoclipe da canção “Não mate a mata”, com Ygor Saunier, Karine Aguiar e Adelson Santos (da esquerda para a direita)

das em francês. A produção audiovisual estará disponível tanto no canal do Youtube de Karine (cujo link encontra-se no www.karineaguiar.com), quanto em sua fanpage no Facebook, a partir das 14h de quarta-feira (2). A direção do clipe e a captação das imagens são de Klinger Santiago, com a edição de Jhonny Nogueira. A gravação ocorreu em três locações

diferentes de Manaus e são intercaladas com cenas da biodiversidade amazônica e outras cenas que remetem a alguns dos problemas socioambientais agudos do Brasil como o desmatamento, os conflitos de terra com indígenas, as queimadas e a tragédia em Mariana. A produção executiva do videoclipe em Manaus é assinada pela Saunier Music

Produções (empresa que hoje representa as carreiras de Karine Aguiar e Ygor Saunier no Brasil) em parceria com a produtora cultural e jornalista Wanessa Leal. Meio ambiente A primeira exibição do clipe de Karine, que acontece junto com o lançamento em Paris do documentário “A Lei da Água” (de Fernando Meirelles e André

D’Elia), será dia 2 de dezembro, às 18h, no Pavillon de l’Eau, conhecido por ser um Espaço de Cultura & Conscientização sobre a importância da Água pertencente à Prefeitura de Paris. Já a segunda exibição, no dia seguinte, acontece na Fondation Jean Jaurès, criada pelo Partido Socialista Francês, que está atualmente no poder com o Presidente François Holande.

REPRODUÇÃO

Plateia

B5

‘STRIKE’


B6

Plateia

MANAUS, SEGUNDAFEIRA, 30 DE NOVEMBRO DE 2015

DIVULGAÇÃO

Programação de TV

Jim Carrey não conseguir mentir depois de desejo do filho, em “O Mentiroso”

SBT 5H 6H 7H 7H30 9H30 9H55 10H05 10H45 11H05 12H30 13H 13H30 14H45 15H30 16H30 17H30 18H20 18H45 19H30 20H15 21H15 22H 23H15 0H15 1H15 2H 3H 3H30 4H

Jornal Da Manhã Igreja Universal Carrossel Animado Mundo Disney Bom Dia & Cia Boletim Em Tempo Waisser Botelho Programa Sabores E Ideias Programa Agora Programa Livre Maria Do Bairro Casos De Família Pérola Negra Teresa A Dona Chaves Jornal Em Tempo Sbt Brasil Cúmplices De Um Resgate Carrossel Seriado - Kenan E Kell Programa Do Ratinho Máquina Da Fama The Noite Com Danilo Gentili Jornal Do Sbt Okay Pessoal Segurança Agora Programa Big Bang Igreja Universal

GLOBO 5H Hora Um 6H Bom Dia Amazônia 7H30 Bom Dia Brasil 8H50 Mais Você 10H10 Bem Estar 10H50 Encontro Com Fátima Bernardes 12H Amazonas Tv 12H47 Globo Esporte 13H20 Jornal Hoje 13H59 Vídeo Show 15H07 Sessão Da Tarde - O Mentiroso 16H25 Caminho Das Índias 17H45 Malhação 18H18 Além Do Tempo 19H10 Jornal Do Amazonas 19H30 Jornal Nacional 20H16 Totalmente Demais 21H11 A Regra Do Jogo 22H20 Tela Quente - Linha De Frente 23H54 Jornal Da Globo 0H26 Programa Do Jô 1H07 Under The Dome - Prisão Invisível = Círculos Imperfeitos 1H53 Corujão - Tiros Cruzados 3H44 Mentes Criminosas

Cinema

5H30 6H28 7H55 9H 11H 12H 13H45 14H45 15H45 18H45 19H30 20H30 21H30 22H30 0H 0H15 ção 1H15

Balanço Geral Manhã No Ar Fala Brasil Hoje Em Dia Magazine Alô Amazonas Prova De Amor Chamas Da Vida Cidade Alerta A Crítica Na Tv Peladão A Bordo Rei Davi Jornal Da Record Xuxa Meneghel A Fazenda Repórter Record InvestigaProgramação Iurd

4H15 6H Brasil 7H10 8H10

Bem Casados: BRA. 10 anos. Heitor (Alexandre Borges) é um solteirão convicto que ganha a vida filmando festas de casamento. Durante os preparativos para cobrir mais um casamento ele conhece Penélope (Camila Morgado), uma mulher sensual e independente que está determinada a acabar com a festa antes mesmo que ela comece. A missão de Heitor é garantir que o casamento saia exatamente como os noivos querem. Já para Penélope, a cerimônia é a oportunidade perfeita para executar o seu plano. Juntos, essa dupla surpreendente, e um tanto atrapalhada, dará aos noivos muito mais emoção do que eles jamais imaginaram. Afinal, bem casados só os doces. Cinépolis Millennium 2 – 19h40, 21h45 (somente quarta-feira), Cinépolis Millennium 7 – 22h20 (somente quarta-feira); Cinépolis Plaza 7 – 18h45, 20h50 (somente quarta-feira); Kinoplex 2 – 18h50 (somente quarta-feira); Playarte 2 – 19h15, 21h15 (somente quarta-feira).

ESTREIA Victor Frankestein: EUA. 12 anos. O cientista Victor Frankenstein e seu brilhante assistente, Igor Strausman, dividem a nobre ideia de ajudar a humanidade com uma recente descoberta sobre imortalidade. Entretanto, o experimento de Victor passa dos limites e sua obsessão gera consequências horríveis. Apenas Igor conseguirá trazer seu amigo de volta a sanidade e salvá-lo de sua criação monstruosa. Cinépolis Millennium 5 – 14h20, 16h50, 19h20 (dub/diariamente), 22h (leg/diariamente), Cinépolis Plaza 6 – 13h50, 16h30, 19h, 21h45 (dub/diariamente; Kinoplex 1 – 16h45, 19h05, 21h30 (dub/diariamente); Playarte 6 – 14h45, 17h, 19h15, 21h35 (dub/diariamente), 21h30 (leg/diariamente). A Visita: EUA. 14 anos. O filme retrata a história perturbadora de dois irmãos que vão passar férias na fazenda de seus avós e, assim que descobrem que o casal de idosos está envolvido em algo assustador, percebem que as chances de voltar para a casa e à vida normal estão cada vez menores. Cinépolis Plaza 8 – 15h15, 17h30, 19h45 (diariamente); Kinoplex 2 – 14h30 (dub/diariamente), Kinoplex 4 – 16h55, 21h55 (dub/diariamente); Playarte 3 – 14h, 19h (dub/diariamente); Playarte 7 – 16h30 (dub/diariamente), 21h25 (leg/diariamente).

ESTREIAS mente), Playarte 7 – 18h40, 21h35 (leg/diariamente), Playarte 10 – 14h, 17h, 20h (dub/diariamente). Como Sobreviver a um Ataque Zumbi: EUA. 14 anos. Cinépolis Plaza 4 – 20h (dub/diariamente), Cinépolis Plaza 8 – 13h (dub/diariamente); Kinoplex 1 – 14h45 (dub/ diariamente); Playarte 8 – 15h20, 19h35, 21h20 (dub/diariamente). O Reino Gelado 2: RUS. Livre. Cinépolis Millennium 7 – 14h (dub/ somente sábado e domingo), 16h (dub/diariamente); Cinépolis Plaza 3 – 13h30 (3D/dub/diariamente); Kinoplex 5 – 13h10 (dub/diariamente). 007 Contra Spectre: EUA. 14 anos. Cinépolis Millennium 6 – 18h10 (dub/diariamente), 15h10, 21h20 (leg/diariamente), Cinépolis Plaza

3 – 21h (dub/diariamente); Kinoplex 4 – 14h, 18h55 (dub/diariamente); Playarte 3 – 16h, 21h (dub/diariamente). O Último Caçador de Bruxas: EUA. 14 anos. Cinépolis Plaza 3 – 15h40, 18h10 (dub/diariamente); Kinoplex 2 – 16h45, 21h (dub/diariamente); Playarte 8 – 17h20, 21h35 (dub/diariamente). Atividade Paranormal – Dimensão Fantasma: BRA. 14 anos. Playarte 9 – 13h15, 15h15, 17h15, 19h15, 21h20 (dub/diariamente). SOS Mulheres ao Mar 2: BRA. 14 anos. Cinépolis Millennium 2 – 15h, 17h20 (diariamente); Cinépolis Plaza 7 – 13h45, 16h20 (diariamente); Playarte 2 – 12h45, 14h55, 17h05 (diariamente).

Nosso Tempo Café Com Jornal – Edição

Dia Dia Os Simpsons “Caipiras Cantores” “Vovô Romeu E Sua Julieta” 9H Jogo Aberto 10H30 Programa Sabino Castelo Branco 11H15 Exija Seus Direitos 11H55 Câmera 13 12H35 Cidade Urgente 13H Igreja Universal 14H Os Simpsons “Homerazzi” “Marge Na Internet” “Bart No Beisebol” 15H15 Brasil Urgente – Edição Regional 16H15 Brasil Urgente – Edição Nacional 17H50 Band Cidade 18H20 Jornal Da Band 19H25 Fatmagül A Força Do Amor 20H20 Show Da Fé 21H15 Cqc 30 21H30 Cqc – Custe O Que Custar 23H30 Jornal Da Noite 0H20 Que Fim Levou? – Boletim 0H25 Alta Conexão

Cruzadinhas

PRÉESTREIA

Jogos Vorazes: A Esperança – O Final: EUA. 14 anos. Cinépolis Millennium 1 – 14h45, 17h45, 20h45 (3D/dub/diariamente), Cinépolis Millennium 3 – 15h30, 18h30, 21h30 (3D/dub/diariamente), Cinépolis Millennium 4 – 14h, 17h (dub/diariamente), 20h (leg/diariamente), Cinépolis Millennium 8 – 19h10 (3D/dub/ diariamente), 16h15, 22h15 (3D/ leg/diariamente); Cinépolis Plaza 1 – 13h15, 16h15, 19h15 (3D/dub/ diariamente), Cinépolis Plaza 2 – 14h45, 17h45, 20h40 (3D/dub/diariamente), Cinépolis Plaza 4 – 14h, 17h (3D/dub/diariamente), Cinépolis Plaza 5 – 15h30, 18h30, 21h30 (dub/ diariamente); Kinoplex 3 – 15h45, 18h30, 21h15 (3D/dub/diariamente), Kinoplex 5 – 15h, 17h50 (3D/ dub/diariamente), 20h40 (3D/leg/ diariamente); Playarte 5 – 12h50, 15h35, 18h20, 21h05 (dub/diaria-

BAND

RECORD


Plateia B7

MANAUS, SEGUNDAFEIRA, 30 DE NOVEMBRO DE 2015

VALDO LEÃO/SECOM

ALEX PAZZUELO/SEMCOM

COMUNICAÇÃO TCE

sergiofrota@uol.com.br - Instagram: @sergiopromoter

PREFEITO ARTHUR VIRGÍLIO NETO, fez uma visita de cortêsia à superintendente da Suframa, Rebecca Garcia, na terça (26). Na pauta, os desáfios comuns às instituições para desenvolvimento econômico de Manaus

GOVERNADORES de nove Estados da Amazônia Legal reuniram-se em Belém (PA), na sexta (20), para discutir agenda comum que vai ser apresentada ao Governo Federal na defesa dos interesses da região, durante a Conferência do Clima da Organização das Nações Unidas (COP 21), que ocorre em dezembro em Paris. Durante o fórum, o governador José Melo defendeu autonomia para o Amazonas acessar credito de R$ 13,2 bilhões por serviços ambientais. Do encontro saiu a Carta de Belém, documento assinado pelos governadores com nova pauta de reivindicações à presidente Dilma Rousseff, em diversos setores

NEY XAVIER

VALDO LEÃO/SECOM

Os conselheiros Ari Moutinho da Costa Junior e Yara Amazônia Lins Rodrigues dos Santos foram eleitos por unanimidade, para comandar o Tribunal de Contas do Estado do Amazonas no próximo biênio 2016/2017. A posse do novo presidente e vice acontecerá no dia 22 de dezembro

Homenagens

Governador José Melo abriu a 12ª Semana Nacional de Ciência e Tecnologia no Amazonas. O evento realizado pela Seplan-CTI, aconteceu no Centro de Convenções Vasco Vasques, e teve seu encerramento na quarta (25)

A presidente do TRE/AM, desembargadora Maria do Perpetuo Socorro Guedes Moura, convida o colunista para a Solenidade de inauguração do prédio sede e Sessão Solene de outorga da Medalha do Mérito Eleitoral do Amazonas, a realizar-se hoje às 18h no Plenário (3º andar), na Avenida André Araújo, 200. Merci pelo convite!

É DE AUTORIA do deputado Adjuto Afonso a Lei nº 4180/2015, que declara de utilidade pública a Associação do Grupo União dos Idosos de Petropolis (Aguip). Com a Lei, a associação ganha importante respaldo para continuar a execução de atividades em defesa de direitos sociais e associativas ligadas à cultura e à arte. É um dos destaques deste ano do parlamentar

Paulo Ricardo Sachs, Sérgio Manfroi Junior, diretor da Supervisão Fabril do Grupo SCA, Priscila Manfroi, diretora de Markenting do Grupo SCA e o presidente da SCA, Sérgio Manfroi, durante a inauguração da SCA, na Rua Fortaleza, 544 - Adrianópolis

Saccaro e a SCA Mobiliário Contemporâneo, abriram as portas oficialmente, na quarta (18), trazendo à Manaus, o melhor mobiliário de luxo, a Saccaro possui 30 anos de design autoral, ou seja, valoriza os designers da fábrica produzindo seus próprios movimentos de design. Por conta disso, o marketeur e colunista, Paulo Ricardo Sachs, recebeu 223 arquitetos e imprensa em um grande evento, que contou com o buffet de Selma Reis e com cardápio musical do DJ e colunista Alexandre Prata. As lojas estão fincadas na Rua Fortaleza, 544 – Adrianópolis. Estavam presentes a família Manfroi, Sérgio Manfroi, superintendente, Priscila Manfroi, marketing da SCA e Sérgio Junior Manfroi, responsável pela área técnica da fábrica, também João Saccaro, presidente da Saccaro, que hoje possui 47 lojas no Brasil 23 no exterior, ambas as marcas trabalham com sistema de frânquia.

FOTOS: ANA CLAUDIA JATAHY

Vitrine

Diretor comercial do Grupo Saccaro, João Saccaro e o gerente de Marketing, Paulo Ricardo Sachs O arquiteto e design das fábricas SCA/ Saccaro, Paulo Cardoso ao lado de Sérgio Manfroi Jr, diretor da SCA

Marlene Canizo, Vagner Forasteiro, Rebecka Brito e Juliana Said Gerente de Marketing das lojas SCA e Saccaro, Paulo Ricardo Sachs e a primeira-dama da cidade de Manaus, Goreth Garcia Ribeiro Jornalista Mazé Mourão e o colunista Zenaldo Mota

Os arquitetos, Paulo Brasil e Allan Lacerda, prestigiaram o evento da SCA e Saccaro

Luiza Dutra e Anny Cavalcanti

Adriana Alfaia

Ingrid Ferreira

Adriana Verão

Claudia Elizabeth Nerling

Os irmãos, Pietro e Dani Montani


B8

Plateia

MANAUS, SEGUNDAFEIRA, 30 DE NOVEMBRO DE 2015

Canal 1 Bate – Rebate

Novo integrante Dudu Bertholini, estilista que colaborou na novela “Verdades Secretas”, ganhou posto fixo na bancada do novo “Amor & Sexo” da Globo. Vai se juntar a José Loreto, Otaviano Costa, Xico Sá e Mariana Santos. O programa, comandado por Fernanda Lima, volta ao ar em 23 de janeiro. Anote, por favor Todo o entendimento da Band com a Turner, já em estado bem avançado – troca de minutas entre advogados, segundo fontes muito próximas coloca a Rede 21 na linha de frente das negociações. Isto, entre outras implicações, poderá significar em breve o fim da ocupação da emissora pela Igreja Universal. A propósito O “Fantástico”, uma vez mais, terá o seu tradicional “Amigo Secreto” – ou “Oculto”, como preferem alguns. Para não ficar no trivial, a ideia, para a edição deste ano, é surpreender no time de participantes, com a inclusão de nomes inesperados pelo telespectador. Batalhando O “Ok”, do Otávio Mes-

REDE TV

TV Tudo

Muito pop Luciana Gimenez conversa com Luciano Faccioli no “By Night” desta terça-feira (1º), às 22h40, pela Rede TV!. quita, é um programa que se consolidou nas madrugadas do SBT, muito em função do esforço do próprio apresentador, hoje inteiramente responsável pela sua realização. A boa audiência apenas valida o seu bom desempenho. Estranhamento Na gravação do seu especial, semana passada, Rodrigo Faro reclamou abertamente do que ele considerou “má vontade do Marcos Mion” durante o programa. Achou e disse, a quem qui-

sesse ouvir, que ele estava ali, mas não estava. Era melhor não ter aparecido. Quebra cabeças Além da crise atualmente em cartaz, as programações das TVs trabalham com outra dificuldade para o ano que vem, que é a de ajustar o calendário da melhor maneira possível. Em 2016, como se sabe, além da Olimpíada aqui no Brasil, teremos eleições no segundo semestre.

HARDCORE

Oitão lança segundo álbum SÃO PAULO, SP - Música, como a gastronomia, é uma atividade muito séria para Henrique Fogaça. Além de comandar as cozinhas de quatro estabelecimentos em São Paulo e ser o jurado linha-dura do

reality show “MasterChef”, da Band, ele é vocalista da Oitão, banda de hardcore formada em 2008. O grupo acaba de lançar seu segundo álbum, “Pobre Povo”, com letras recheadas de críti-

• O “Fantástico”, no próximo domingo, 6, estreia a segunda temporada do “Chefe Secreto”, com apresentação de Max Gehringer. • A edição atual de “A Fazenda” vai se encerrar no próximo dia 8, uma terça-feira... • ...e quarta, 9, acaba a batalha dos confeiteiros, do Buddy Valastro. • No SBT, Ratinho está com tudo pronto para o período de férias. Só programas inéditos, já devidamente gravados... • ...após o encerramento dos trabalhos, na segunda quinzena de dezembro, ele voltará, ao vivo, no dia 25 de janeiro. • O deputado federal Jarbas Vasconcelos será o entrevistado desta segunda no “Roda Viva”, da Cultura, 22 horas. Ao vivo. • Globo marcou para 21 de janeiro a estreia da quinta temporada de “Pé na Cova”.

plateia@emtempo.com.br Flávio Ricco

Camila Rodrigues no elenco de série de ação

Colaboração: José Carlos Nery

Após fazer a Nefertari de “Os Dez Mandamentos”, Camila Rodrigues foi escalada para viver um dos principais papéis de “Sem Volta”, nova minissérie, em 13 episódios, com direção-geral de Edgard Miranda e que começa a ser gravada em janeiro. Escrita por Gustavo Lipsztein, brasileiro radicado nos EUA, “Sem Volta” conta a história de montanhistas que se perdem durante expedição e encaram condições extremas para sobreviver.

C’est fini Pra encerrar, Ana Maria Braga alterou os seus planos e vai, ao vivo, até o dia 30 de dezembro com o “Mais Você”, para retornar em 4 de janeiro, sempre ao vivo. Férias, apenas a partir de fevereiro. Então é isso. Mas amanhã tem mais. Tchau!

Resumo das Novelas

cas sociais e políticas. “O teor é bastante crítico. A faixa-título, por exemplo, fala muito sobre os problemas sociais e políticos de nosso país”, comenta. Por Gabriel Perline

Zé Maria afirma a Romero que eliminará Tóia. Juliano insiste para que Dante investigue o passado de Orlando e do falso médico da clínica psiquiátrica. Tóia avista Zé Maria e consegue fugir. Dante tenta descobrir mais sobre Orlando. Nonato agradece Conceição por cuidar de Belisa. Andressa divulga um vídeo dela e Merlô. Ninfa e Alisson descobrem com Silvinho os pontos fracos de Andressa. Juca ameaça Domingas, e os vizinhos a socorrem. Breno revela a Feliciano que Dalila tentou vender seu apartamento. Tóia avisa a Merlô que está sendo perseguida e ele conta para Juliano. Noé captura Tóia.

Melissa e Felipe se surpreendem com o resultado positivo do exame de gravidez. Emília não aceita que Alberto queira vir para o Brasil encontrar Vitória. Mateus pede que Gema o leve ao encontro de Elias para entender melhor o seu dom. Felipe confirma a Lívia que Melissa está grávida, mas garante que encontrará uma forma de ficar com ela. Luiz confirma que Bento será libertado e exige as cartas que estão em seu poder. Carola ouve quando Lívia afirma que romperá o noivado com Pedro. Salomé se aproxima de Massimo. Severa acusa Melissa de dar um novo golpe em Felipe.

Germano acusa Rafael pela morte de Sofia e avisa a Carolina que romperá sua parceria caso o fotógrafo permaneça trabalhando para o concurso. Lili não admite que Rafael seja demitido. Lorena provoca Eliza. Germano fica irritado e sai do evento. Jonatas e Germano conversam e o dono da Bastille chama o rapaz pra trabalhar com ele. Carolina se preocupa com o sucesso de Eliza entre os jornalistas. Fabinho pede Leila em namoro. Eliza é abordada pelo Comendador e acaba o agredindo. Lili comenta com Carolina que talvez tenha se precipitado em elogiar Eliza.

Alina revela a Uodson que confirmou para a polícia a participação dela e a de Roger no acidente de Ciça. Vanda determina que Luan trabalhará com Jorge. Julia ensina Arthur a nadar. Rubem comenta que Rafaela sente falta de Maria e Bia se incomoda. Krica fica preocupada de ser vista com Cleiton. Uodson afirma a Ciça que não é mais apaixonado por ela. Júlia aconselha Artur para que consiga a atenção dos amigos. Nanda incentiva Jéssica a se aproximar de Uodson. Luan trabalha para Jorge no churrasco de comemoração pela suspensão do processo judicial. Ana pede que Rodrigo perdoe Ciça.

Jaime encontra os amigos, o garoto chora. Ele conta que nunca viu seu pai tão decepcionado. Helena e Renê preparam um “intensivão” para Jaime. Jaime começa a estudar com a ajuda de Helena e Renê, eles revisam toda a matéria. No dia seguinte, Jaime se recusa a fazer os exercícios que Helena aplica. O argumento do garoto é que ele terá que refazer o terceiro ano novamente. Rafael comenta com Eloisa que com este comportamento Jaime não vai terminar o ensinamento fundamental. Jaime diz a Helena que vai pedir para seu pai tirá-lo da escola e colocá-lo para trabalhar na oficina.

Lola oferece a Navarro um sanduíche com sonífero, preparado por André, Júlia, Joaquim e Felipe. Ele aceita. Pastor Augusto deseja fazer uma peça infantil e pede para que Flávia o ajude a escrever o roteiro. Priscila pressiona Geraldo para que lhe conte sobre seu pai. Embaraçado, ele diz que há muito tempo conheceu uma pessoa com o mesmo nome dele e que namorou a mãe da menina, mas não tem certeza se é o pai dela. Navarro cai de sono após comer o lanche e as crianças o tiram de frente do prédio. Benedita diz que vai cuidar de Isabela até que fique boa e tenha condições de voltar ao lugar de onde veio.


EM TEMPO - 30 de novembro de 2015