Page 1

R$ EXEMPLAR

1,00 DE ASSINANTE

VENDA PROIBIDA PREÇO DESTA EDIÇÃO

O JORNAL QUE VOCÊ LÊ

QATAR

Estádio tem forma de vagina

PRATA DE CASA

Empresa vai investir em MMA Representantes da Equador Petróleo pretendem investir na criação de uma equipe de MMA no próximo ano. Pódio E3

O design do estádio Al Wakrah foi inspirado num barco tradicional da região, mas a estrutura parece ter sido inspirada no órgão genital feminino. Contexto A3

DIVULGAÇÃO

REPRODUÇÃO

ANO XXVI – N.º 8.182 – TERÇA-FEIRA, 19 DE NOVEMBRO DE 2013 – PRESIDENTE: OTÁVIO RAMAN NEVES – DIRETOR EXECUTIVO: JOÃO BOSCO ARAÚJO

SELEÇÃO

Último amistoso em 2013 A seleção brasileira volta ao campo nesta terça-feira para o último amistoso em 2013, no Canadá. Desta vez contra o Chile. Pódio E7

FAMÍLIA BELOTA VAI

ÀS RUAS PEDIR JUSTIÇA

ALEXANDRE FONSECA

Grupo de 20 membros da família Belota fizeram, no fim da tarde desta segunda-feira (18), uma manifestação pedindo a condenação à pena máxima do réu Jimmy Robert de Queiroz Brito, 33, que planejou o triplo homicídio, tendo como vítimas seu pai, Roberval Roberto de Brito, a tia, Maria Gracilene Belota, e a filha dela, Gabriela Belota. Eles entregaram um manifesto pedindo que o caso não seja esquecido pela mídia e pela população. Dia a dia C2 BANHO DE SOL

Mensaleiros vão para o semiaberto Condenados no processo do mensalão, Dirceu, Genoino e Delúbio foram deslocados para o Centro de Integração da Papuda. Política A5

CAÇADA

Interpol no encalço de Pizzolato

AG BRASIL

A Interpol emitiu alerta internacional de que existe um mandado de prisão contra Henrique Pizzolato (foto). País C6

NO AMAZONAS

Petistas defendem colegas Eles criticaram a decisão de Joaquim Barbosa, que mandou para a prisão José Dirceu, José Genoino e Delúbio. Política A5

ALEXANDRE FONSECA

No cruzamento das avenidas Djalma Batista e João Valério, os familiares das vítimas entregaram um manifesto lembrando a forma brutal dos assassinatos

ALARME FALSO

P L AT E I A

Bomba não passou de sinalizador

Timaço de humor na Copa

Uma caixa contendo sinalizadores e bombas utilizadas em pesca foi descoberta na orla do Amarelinho, em Educandos. Equipe antibombas da Polícia Militar isolou a área e detonou os explosivos. Dia a dia C2

Copa Manaus de Humor Gráfico (evento da Fifa) será realizada em Manaus e contará com a presença do Ziraldo (ilustração), do Laerte, entre outros nomes de peso. Plateia D1

FALE COM A GENTE - ANÚNCIOS CLASSITEMPO, ASSINATURA, ATENDIMENTO AO LEITOR E ASSINANTES: 92 3211-3700 ESTA EDIÇÃO CONTÉM - ÚLTIMA HORA, OPINIÃO, POLÍTICA, ECONOMIA, DIA A DIA, PAÍS, MUNDO, PLATEIA E PÓDIO.

TEMPO EM MANAUS

MÁX.: 35

MÍN.:

24


A2

Última Hora

MANAUS, TERÇA-FEIRA, 19 DE NOVEMBRO DE 2013

Quadrilátero da Copa será entregue até dezembro A

s obras de requalificação das principais avenidas da cidade seguem em ritmo avançado e a pavimentação do Quadrilátero da Copa será entregue até o dia 30 de dezembro, conforme o termo de reajustamento de prazos, determinado pelo prefeito Arthur Virgílio Neto e assinado por representantes e donos de empresas de engenharia ganhadoras das licitações. O Quadrilátero da Copa é composto por cinco lotes que abrangem algumas das principais vias da cidade como as avenidas Djalma Batista, Constantino Nery, Pedro Teixeira, Dom Pedro, Torquato Tapajós, Lóris Cordovil, Max Teixeira, Noel Nutels, Coronel Teixeira, Boulevard Álvaro Maia e Brasil. Com a entrega dos pavimentos completamente recapeados, as empresas deverão entregar os demais serviços até abril de 2014. As ações de revitalização urbana de acessibilidade, mobilidade e segurança incluem, ainda, requalificação de calçadas, projeto de mobilidade urbana, urbanismo e sinalização vertical e horizontal – com placas de identificação em português e inglês, para melhor orienta-

ALEXANDRE FONSECA/ SEMINF

Requalificação das principais avenidas da capital deverá ser entregue pela prefeitura até o dia 30 de dezembro ção dos turistas , e ciclovias – em algumas vias. De acordo com o viceprefeito e secretário municipal de Infraestrutura e Habitação (Seminfh), Hissa Abrahão, a qualidade do asfalto usado na pavimentação das vias será um dos principais legados para a população de Manaus.

ABRANGÊNCIA

O Quadrilátero da Copa abrange as avenidas Djalma Batista, Constantino Nery, Pedro Teixeira, Dom Pedro, Torquato Tapajós, Lóris Cordovil, Max Teixeira, Noel Nutels, Coronel Teixeira, Boulevard e Brasil “Nós estamos trabalhando todos os horários por conta da antecipação do período das chuvas. Quando estávamos no verão era possível trabalhar apenas à noite. Agora, precisamos trabalhar sempre que não chove. O transtorno é temporário, mas estamos dentro do cronograma para entregar as avenidas no dia 30 de dezembro”, declarou Hissa.

De acordo com a prefeitura, projeto de requalificação das principais avenidas da cidade conta com a revitalização das calçadas

DEFICIENTES AE

PRESIDENTE/STF

LOTERIAS

Seminário aborda a acessibilidade O Seminário de Resultados da Capacitação de Agentes Sociais em Acessibilidade do Polo Manaus acontece hoje, a partir das 8h, no Instituto Federal de Educação do Amazonas (Ifam, na avenida 7 de Setembro). O encontro é coordenado pela Secretaria de Estado dos Direitos da Pessoa com Deficiência (Seped) em parceria com o governo federal. Na oca-

sião, o secretário nacional de Promoção dos Direitos da Pessoa com Deficiência e presidente do Conselho Nacional dos Direitos da Pessoa com Deficiência (Conade), Antônio José Ferreira, ministrará a palestra magna “Acessibilidade e Aspectos Conjunturais da Política da Pessoa com Deficiência no Brasil”. O secretário também irá participar da assinatura do

MEGA-SENA

termo de abertura do projeto da Central de Intérprete de Libras no Amazonas, que representa um avanço para a inclusão social dos cidadãos surdos em nossa cidade, permitindo visibilidade para o Estado do Amazonas ao garantir o desenvolvimento da autonomia e potencialidade da pessoa surda, que há tempos demandam de serviços dessa natureza.

Concurso nº 1548 (16/11/2013) 19

pedido de informações ao Supremo, pontapé inicial para a abertura da ação. Do contra A ideia da representação contra Barbosa foi apresentada durante reunião da presidente Dilma Rousseff com líderes aliados, no Palácio do Planalto, realizada ontem. Segundo relato de líderes que participaram do encontro, Dilma desestimulou a eventual ação contra Barbosa. A presidente disse aos líderes que não vai se manifestar publicamente sobre o mensalão porque quer evitar uma “crise institucional” entre os poderes. O vice-presidente, Michel Temer, reiterou que declarações públicas de Dilma sobre o caso poderiam gerar uma crise entre Executivo e Judiciário. A ação contra foi sugerida pelo líder do PT no Senado, Wellington Dias (PI), que tem o apoio do partido. O líder disse que, depois do pedido de informações a Barbosa, o próximo passo seria dar continuidade à representação contra o presidente do STF. “Para você abrir um processo de julgamento, você precisa ter informações”, disse.

44

09 11 44 57 65 75

78

Atlético/GO

LOTOFÁCIL

ANISTIA

Denúncia de exploração no Catar tia Internacional (AI) resolveu se mexer: denunciou, ontem, a exploração “alarmante” dos trabalhadores imigrantes no Catar e pediu ao país que aproveite a organização da Copa do Mundo de 2022 para demonstrar respeito pelos direitos humanos. O relatório contém 169 páginas e cita que parte dos trabalhadores é tratada como “animais”, termo ouvido pe-

54

Time do coração

Concurso n. 983

A Copa do Mundo de 2022, no Catar, segue rendendo polêmicas. Após a incerteza sobre a realização do torneio devido às altas temperaturas registradas no país em junho e julho, o foco agora são as más condições de trabalho dos operários envolvidos nas obras da competição. Após centenas de pessoas manifestarem em frente à sede da Fifa, há cerca de dois meses, na Suíça, a Anis-

47

Concurso n. 500 (16/11/2013)

(18/11/2013)

02

04

05

06

07

08

10

11

14

15

16

18

19

21

25

QUINA

los próprios investigadores da organização em conversa informal com o diretor de uma construtora. No documento, a AI ainda pede que a Fifa pressione o país em busca de melhorias nas condições de trabalho dos estrangeiros, em sua maioria do sudeste asiático. O Catar, por sua vez, anunciou que incluirá o relatório da organização e uma investigação que solicitou.

Concurso n. 3343 (18/11/2013)) 12

27

48

69

72

LOTOMANIA Concurso n. 1401 (16/11/2013)

REPRODUÇÃO

O PT estuda pedir ao Senado para entrar com representação contra o presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Joaquim Barbosa, por crime de responsabilidade. Os petistas avaliam que Barbosa feriu a Constituição ao permitir que parte dos réus do mensalão começasse a cumprir as penas em regime fechado, mesmo condenados ao semiaberto, como é o caso de José Dirceu e José Genoino. O partido também tem outros dois argumentos contra Barbosa: o fato de os réus não estarem cumprindo as penas em seus domicílios e José Genoino não estar recebendo tratamento médico adequado no Complexo Penitenciário da Papuda, onde está detido desde sexta-feira, 15. Pela Constituição, o Senado é a instituição que tem poderes para investigar ações do Supremo em casos de crimes de responsabilidade. Se o processo for aberto, ele pode resultar no impeachment de Barbosa, entre outras sanções ao presidente do STF. O PT busca o apoio de partidos governistas para assinarem em conjunto um

42

TIMEMANIA

Partido dos Trabalhadores quer apoio para investigar Barbosa

Em retaliação ao mensalão, PT quer processar Barbosa

41

01

04

10

13

15

16

21

22

23

29

30

35

49

64

72

77

79

80

88

90

DUPLA DUPLA-SENA Concurso n. 1229 (16/11/2013) Primeiro sorteio 07

08

11

16

41

43

29

30

38

Segundo sorteio 17

25

27

FEDERAL Extração nº 04815 (16/11/2013) Prêmio 1º

Ativistas internacionais exigem que a Fifa cancele a Copa do Mundo no Catar, em 2022

Bilhete

Valor (R$)

69.049

360.000,00

2º 30.400

51.000,00

3º 31.219

36.750,00

4º 08.843

17.100,00

5º 50.247

15.000,00

FONTE: CAIXA ECONÔMICA FEDERAL


Opinião

MANAUS, TERÇA-FEIRA, 19 DE NOVEMBRO DE 2013

Contexto 3090-1017/8115-1149

marioadolfo@emtempo.com.br

contexto@emtempo.com.br

A3

Editorial opiniao@emtempo.com.br

No Chile não tem disso não O Estado brasileiro não perde o cinismo de agir como ser fizesse concessões às demandas legítimas da sociedade, e a sociedade brasileira está treinada a pedir e a receber favores. Estado e sociedade, no Brasil, são antípodas desde a origem. Casa-grande e senzala. Não é à toa que o sistema de cotas para tudo, corrompendo serviços que deveriam ser universalizados, surge como “reparação” desses agravos cometidos contra negros, durante e depois da escravidão. A moda pegou e se descobriu que mulheres de todas as cores são “cidadãs de senzala”, mesmo quando desfilam com arrogância nos salões da casa-grande, com o “aprovo” do “sinhô”. É a entrelinha da proposta de criar cotas que garantam a presença de mulheres em todos os níveis do Legislativo, pois o primeiro estágio desse tipo de exigência, para a composição dos quadros dos partidos políticos, não conseguiu convencer o “sexo oposto” de que política, até com segundas intenções, como é comum entre a casa-grande e a senzala, faz bem à cidadania. Nas eleições democráticas do Chile, neste domingo, três mulheres de diferentes discursos ideológicos disputaram a Presidência da República contra seis candidatos do gênero masculino. Elas não compuseram um terço dos candidatos amparadas por sistema de cotas. No Chile não tem disso não; ao contrário, elas são ativistas do “papo amarelo”, como se diz, quando se pretende acentuar o caráter orgânico dessa participação. Duas delas disputarão no segundo turno, Michelle Bachelet, que já presidiu o país, e Evelyn Matthei. Quando a sociedade constrói o Estado, as escolhas são feitas por meritocracia, não pelo sistema de favores, que transforma cidadãos em coitadinhos e é uma forma perversa de manter a dominação. Liberdade se conquista.

O grito dos seringueiros O Sindicato dos Soldados da Borracha colocou a boca no trombone. E com toda razão. Publicou carta de repúdio onde expressou sua indignação e repúdio contra o governo federal ( Dilma) e todos os deputados da Câmara Federal que no último dia 5 de novembro de 2013 votaram de “forma vergonhosa e covarde” pela destruição da PEC 556/2002, Proposta de Emenda à Constituição que concede aos seringueiros (soldados da borracha) os mesmos direitos concedidos aos ex-combatentes de guerra, pensão e aposentadoria especial, dentre outros. Vergonha Para os seringueiros que extraíram borracha do Brasil nos anos 40 na Amazônia para enviar aos EUA, a postura do governo, de sua base aliada e dos políticos é vergonhosa, porque votaram a favor do mísero aumento de R$ 144 sobre o aumento salarial de quase 6,5 mil soldados da borracha já idosos. Atentado Na carta, os ex-seringueiros dizem que a atitude de Dilma e dos 371 deputados da Câmara Federal foi um atentado contra a história, a memória, e ao valor humano, constituindo um crime contra a pátria. Lei Seca Ao abordar, da tribuna, o “Dia Mundial em Memória das Vítimas de Trânsito”, o deputado Sidney Leite (PROS) cobrou do Detran-AM intensificação das blitze da Lei Seca. Lei Seca 2 O parlamentar lembrou que este ano já foram registradas em Manaus 180 mortes e mais de 8,7 mil acidentes, grande parte desses registros motivados por motoristas alcoolizados, número considerado “assustador” pelo deputado. Carrinho Vem aí, Volkswagen Up! Anunciado como o carro mais barato da Volkswagen no Brasil, o carro chegará às revendas no finalzinho de fevereiro e início de março. Sai o Gol O Up! vem substituir o de-

fasado Gol G4. O pequeno será equipado com o novo motor 1.0 e três cilindros flex. Bom e barato Além disso, o Up! deverá chegar ao mercado nas configurações de duas e quatro portas, com preços a partir de R$ 26 mil e R$ 28 mil, respectivamente. Para completar, há grandes chances de ele ser oferecido com câmbio automatizado de cinco marchas. Estádio ousado Os arquitetos responsáveis pelo design do estádio Al Wakrah, no Qatar, dizem que o projeto foi inspirado num barco tradicional da região. Mas há controvérsias. Pela forma, a estrutura parece inspirada no órgão genital feminino. Barco esquisito O estádio é um dos nove que estão sendo construídos para o Mundial 2022. Os arquitetos Zaha Hadid e Aecom explicaram que a estrutura toma inspiração no «dhow», uma embarcação tradicional usada há séculos pelos pescadores e apanhadores de ostras da região. 40 graus O Mundial 2022 tem gerado polêmica devido à escolha do país ultraconservador. A Fifa foi criticada por permitir que a Copa seja realizada em um país onde a homossexualidade é ilegal, e onde as temperaturas no verão podem exceder os 40 graus. Os sem-salário Os professores da Universidade

APLAUSOS

regi@emtempo.com.br

Nilton Lins estão ameaçando entrar em greve e não lançar notas no sistema dos formandos este ano. É que seus salários estão atrasados há seis meses. E tem coordenador de curso que não recebe há oito meses. Muito estranho Algo muito estranho está acontecendo na Nilton Lins. A instituição vem recebendo regularmente recursos do governo federal (Prouni, Fies) e tem 50% das vagas no programa Bolsa Universidade da prefeitura de Arthur Virgílio Neto. Das quase 10 mil vagas, mais de 5 mil são para a universidade. Zona boêmia A Comissão de Revisão do Plano Diretor da Câmara Municipal de Manaus (CMM) analisa emenda que prevê a criação de uma área especial para o comércio de bares, restaurantes, lanchonetes, teatros, cinemas, casas de show, antiquários e similares na cidade. Centro histórico A proposta é de autoria do vereador Ednailson Rozenha (PSDB). O parlamentar destaca a importância da área especial ficar localizada no centro de Manaus, para contribuir no projeto de resgate histórico da região. Que nem lá Rozenha citou como exemplo que deu certo o caso da Vila Madalena, um bairro nobre da cidade de São Paulo situado no distrito de Pinheiros. O local é bastante conhecido por ser um reduto boêmio, desde o início dos anos 70.

VAIAS

Equador Petróleo

Charge

Poluição sonora DIVULGAÇÃO

DIVULGAÇÃO

Para a Equador Petróleo, que vai investir na formação de uma equipe de MMA. Com isso, abrem-se as portas para que atletas de Manaus lutem pelo sonho de chegar ao UFC.

Para lojas que se valem da música para atrair consumidores, colocando o aparelho de som no último volume, aumentando ainda mais a poluição sonora da cidade.

Roberto Abdenur opiniao@emtempo.com.br

Contra a corrupção Benéficas mudanças no ambiente de negócios já começam a aparecer em consequência da Lei Anticorrupção (Lei nº 12.846/2013), antes mesmo de ela ser regulamentada. Aprovada e sancionada em agosto, ainda depende de processo de análise de vetos. A lei, que pela primeira vez no País abre a possibilidade de punição de pessoas jurídicas em caso de corrupção, descortinou um horizonte até então pouco percebido por muitos executivos, que constatam agora a necessidade de criar ou reforçar a área de compliance, até como forma de comprovar uma atuação ética. Programas de compliance são conhecidos por empresas de capital aberto, que têm por compromisso atuar com transparência e seguir os parâmetros de governança corporativa. A disseminação do conceito de compliance, graças à Lei Anticorrupção, que visa responsabilizar a empresa por atos ilícitos praticados por seus funcionários, certamente vai provocar uma mudança cultural no modus operandi das empresas e organizações, mas não sem apresentar desafios que, sob vários aspectos, são muito brasileiros. Atuar como empresa ética é muito mais do que cumprir as regras: significa erradicar a cultura de tolerância com desvios de conduta de toda sorte. Significa esquecer o significado do famoso jeitinho brasileiro. O incentivo às mudanças deve-se, em grande parte, a um dos artigos da lei, que prevê redução de pena a empresas que comprovarem programas de compliance. Isso significa que, se a companhia cria uma estrutura para estimular que todos sigam as leis, ela já está fazendo a sua parte. Presume-se que, dessa forma, haja menos possibilidade de um funcionário ter desvios de conduta e a empresa pode, eventualmente, se eximir de culpa. Sem conformidade, o terreno se torna mais fértil para atitudes não éticas. A lei nº 12.846 também inova ao

envolver a atuação de empresas brasileiras no exterior. Nesse sentido, está alinhada a legislações dos Estados Unidos e da Grã-Bretanha, por exemplo. Nos EUA, desde 1977, o Foreign Corrupt Practices Act (FCPA) proíbe suborno de funcionários públicos estrangeiros por empresas americanas. Em 2011, a GrãBretanha aprovou o Bribery Act, a lei de combate à corrupção que também prevê punição em casos envolvendo funcionários estrangeiros. Com a globalização cada vez mais consolidada, a tendência é de que os governos se preocupem não apenas com a corrupção dentro de casa, mas também portas afora. Em tese, a Lei Anticorrupção pode ser aplicada no recente caso de uma empresa estrangeira que revelou um esquema de corrupção em licitações de serviços públicos no Brasil. Resumidamente, pela lei, são atos lesivos à administração pública, nacional ou estrangeira, prometer ou dar vantagem indevida a agente público; financiar ou patrocinar atos ilícitos; fraudar processo licitatório; criar, de modo fraudulento, pessoa jurídica para participar de licitação pública; obter vantagem ou benefício indevido em contratos com a administração pública; manipular ou fraudar o equilíbrio econômico-financeiro dos contratos; ou dificultar investigação ou fiscalização de órgãos ou agentes públicos. Tudo isso para evitar os descaminhos no relacionamento público-privado. Demoraram os trâmites da lei. Após três anos no Congresso, foi votada e sancionada no início de agosto, em boa parte por conta da pressão popular decorrente das manifestações de junho. Proposto pelo Executivo, o Projeto de Lei 826/2010 se transformou na Lei Ordinária 12.846/2013. Como foi sancionada pela presidente Dilma Rousseff com alguns vetos, a Câmara constituiu Comissão Mista incumbida de relatar o veto.

Roberto Abdenur Presidente Executivo do Instituto Brasileiro de Ética Concorrencial (ETCO)

Tudo isso para evitar os descaminhos no relacionamento públicoprivado. Demoraram os trâmites da lei. Após três anos no Congresso, foi votada e sancionada no início de agosto, em boa parte por conta da pressão popular decorrente das manifestações de junho”.


A4

Opinião

MANAUS, TERÇA-FEIRA, 19 DE NOVEMBRO DE 2013

Frase

Painel VERA MAGALHÃES

‘Gosto pelo precipício’

Eu não faço julgamento das decisões da Suprema Corte. Eu acho que o PT soltou uma nota que condiz com a realidade do momento. Estou dizendo há muito tempo que eu vou esperar o julgamento total porque eu tenho muita coisa a comentar e eu gostaria de falar sobre o assunto

Pegando carona na crescente desconfiança do mercado com Dilma Rousseff, Eduardo Campos (PSB) fez ontem a economistas e empresários em São Paulo as mais pesadas críticas à política econômica. Disse que a presidente “assustou” o mercado ao tentar “tabelar os ganhos nas concessões” e deu a impressão de “agir por interesse eleitoral” ao “rever posição dos fundamentos” da economia. “O governo tem um gosto pelo precipício que eu não tenho”, disse a cerca de 50 espectadores. Seleto Entre os presentes estavam o ex-ministro da Fazenda Mailson da Nóbrega, João Carlos Saad, do grupo Bandeirantes, e Carlos Alberto Oliveira Andrade, da Caoa. Vai levando Na reunião de ontem do Diretório Nacional, o PT decidiu estender seu Congresso até 2015. Ele será aberto no ano que vem, mas o debate dos temas polêmicos ficará para depois das eleições. A intenção é não contaminar a campanha de Dilma com temas delicados. Ponta do lápis O desempenho de Dilma na pesquisa Ibope de ontem agradou a aliados, que viram a presidente “consolidada” em patamar próximo de 40%, sem crescimento dos adversários. Contrapartida Com o anúncio de apoio à reeleição de Dilma amanhã, dirigentes do PSD passarão a aguardar gesto de retribuição da petista. Antes avessa a uma participação robusta no atual governo, a sigla agora julga que pode ganhar espaço na Esplanada na próxima reforma. No páreo Aécio Neves resolveu dobrar a aposta para ter o

PPS em sua coligação em 2014. Para se contrapor à preferência de Roberto Freire por Campos, o tucano se dedica a obter o apoio de diretórios importantes. No páreo 2 Na sexta-feira, o senador vai ao congresso do PPS do Rio, que deve declarar preferência por sua candidatura. Ele já tem aval do diretório de Minas e negocia o de Pernambuco. Oremos Alexandre Padilha (Saúde) recebeu apoio da Assembleia de Deus Madureira a sua candidatura ao governo paulista. O pastor Samuel Ferreira desistiu de apoiar Geraldo Alckmin (PSDB) e criticou o governador pela falta de parcerias. É aqui Joaquim Barbosa mandou transferir todos os presos do mensalão para Brasília, o que provocou grita dos advogados, por entender que a capital federal é o foro das ações do STF. Nosso lar O presidente da corte considera que o cumprimento da pena no domicílio dos condenados não é prerrogativa automática: depende de decisão do juiz da Vara de

Execuções Penais. Classificados Auxiliares e aliados dos petistas presos em regime semiaberto começaram a buscar empregos para os condenados em suas cidades de residência. Os presos precisam comprovar um trabalho formal para poder deixar a prisão durante o dia.

Luiz Inácio Lula da Silva, ex-presidente, em evento nesta segunda-feira (18), evitou comentar as recentes prisões de exdirigentes do PT e afirmou que se pronunciará apenas após o chamado trânsito em julgado do mensalão, ou seja, quando não couberem mais recursos ao STF.

Olho da Rua opiniao@emtempo.com.br

Sem fio Dilma telefonou ontem para Michelle Bachelet para parabenizá-la pela votação que teve no primeiro turno da eleição chilena. As duas são amigas e se aproximaram durante a gestão de Bachelet na ONU Mulheres.

RICARDO OLIVEIRA

Passo... O promotor responsável pelo caso da bióloga brasileira Ana Paula Maciel, presa na Rússia, recomendou que ela seja libertada mediante fiança para responder em liberdade ao processo de vandalismo por participar de ato do Greenpeace. ... a passo Um juiz vai decidir se acata o parecer. A prisão da brasileira será tema de conversa entre o chanceler russo, Sergey Lavrov, e o ministro Luiz Alberto Figueiredo (Relações Exteriores), que chega hoje a Moscou.

Tiroteio

Enquanto se discute ou se tenta discutir que novos caminhos devem ser tomados para a (re)construção de Manaus, existem os que insistem em seguir a contrapelo da história e continuam “tatuando” a cidade, uma prática que só em lugares de gente muito atrasada resiste à passagem do tempo

Alexandre Garcia opiniao@emtempo.com.br

Se continuar imitando Haddad em iniciativas como o bilhete mensal, o tucano Alckmin pode tomar o lugar do papagaio Louro José.

O enigma Pizzolato

DE PAULO FIORILO, presidente eleito do PT municipal, sobre adesão do governo estadual ao Bilhete Único mensal e mudança na progressão continuada em SP.

Um fiasco para as autoridades brasileiras é a fuga de Henrique Pizzolato. Consta que tenha atravessado a fronteira com o Paraguai e obtido novo passaporte italiano (e da Comunidade Européia) no consulado da Itália de Assunção, alegando perda do documento. Depois, decolou para Roma ou Milão. Até agora não se sabe onde, na Itália, está Don Enrico Pizzolato, della mafia brasiliana. Foi condenado, em agosto do ano passado, por peculato, por 11 a zero (até Toffoli e Lewandowski aceitaram as provas contra ele). Teve mais de um ano para preparar a fuga. Além de retirar passaportes, não seria óbvio instalar tornozeleira? Por escrito, Don Pizzolato afirma que sai “para ter um novo julgamento na Itália, em tribunal que não se submete às imposições da mídia empresarial”. Suponho que em contraposição da mídia empresarial, ele prefira a mídia estatal, como em Cuba. Mas na Itália também tem mídia empresarial. Ele esqueceu que o então presidente Lula e o então ministro da Justiça, Tarso Genro, alegaram que a Justiça Italiana faz julgamento político e perseguição – para justificar o asilo que concederam ao autor de quatro assassinatos, Césare Battisti. Pizzolato argumenta que está protegido pelo tratado de extradição Itália-Brasil – que Lula e Tarso Genro desprezaram no caso Battisti. Pizzolato não cometeu crime

Contraponto

O nó da questão federativa Os governadores do PSDB aproveitaram debate sobre a federação, ontem, para enaltecer seus Estados. – Todo mundo diz que o Brasil vai do Oiapoque ao Chuí, mas o monte Roraima é que faz a tríplice fronteira do país – alardeou Anchieta Filho. Siqueira Campos (TO) chegou atrasado e teve de se desenroscar da gravata ao tentar tirá-la, já que era o único com o adereço. Refeito, não deixou por menos: – O centro do Brasil é Palmas! – proclamou.

Publicado simultaneamente com o jornal “Folha de S.Paulo”

CENTRAL DE RELACIONAMENTO Atendimento ao leitor e assinante ASSINATURA e CLASSIFICADOS

3211-3700 assinatura@emtempo.com.br classificados@emtempo.com.br

REDAÇÃO

3090-1010 redacao@emtempo.com.br

3090-1001 circulacao@emtempo.com.br

Norte Editora Ltda. (Fundada em 6/9/87) – CNPJ: 14.228.589/0001-94 End.: Rua Dr. Dalmir Câmara, 623 – São Jorge – CEP: 69.033-070 - Manaus/AM

www.emtempo.com.br

@emtempo_online

Diretor de Redação Mário Adolfo marioadolfo@emtempo.com.br Editor-Chefe Tricia Cabral — MTB 063 tricia@emtempo.com.br Chefe de Reportagem Michele Gouvêa — MTB 626 michelegouvea@emtempo.com.br Diretor Administrativo Leandro Nunes administracao@emtempo.com.br

CIRCULAÇÃO

DO GRUPO FOLHA DE SÃO PAULO

Presidente: Otávio Raman Neves Diretor-Executivo: João Bosco Araújo

Gerente Comercial Gibson Araújo comercial@emtempo.com.br EM Tempo Online Yndira Assayag — MTB 041 yndiraassayag@emtempo.com.br

/amazonasemtempo

/tvemtempo /

Os artigos assinados nesta página são de responsabilidade de seus autores e não refletem necessariamente a opinião do jornal.

na Itália e Battisti falsificou passaporte brasileiro. A fuga enfraquece as posições de resistência e desafio de José Dirceu e José Genoíno. Os gestos dos dois, ao se entregarem, também ficam maculados pela foto do tesoureiro Delúbio Soares, com a cabeça coberta pelo paletó, no carro da polícia - imagem padronizada por corruptos presos. Pizzolato, que foi diretor da CUT e do Banco do Brasil, integrante das finanças da campanha de Lula, está no PT há duas décadas e fez coro com a alta direção petista: os ex-presidentes do partido, Dirceu e Genuíno e o tesoureiro Delúbio: consideram-se presos políticos, vítimas de um tribunal de exceção. Estavam de cabeça quente com a prisão inesperada e não tiveram tempo de refletir: o tribunal de exceção tem 11 juízes e oito foram nomeados por Lula e Dilma; e o país que tem presos políticos – como Cuba –, é governado pelo PT há 11 anos. Se estivessem de cabeça fria, diriam que democracia é assim e que a grandeza do partido que está no governo é de tal forma que não interfere em outro poder, ainda que os condenados e presos tenha sido da mais alta hierarquia da agremiação. E Genoíno não gritaria “Viva o PT!” ao se entregar, para não jogar a pecha da condenação transitada em julgado sobre o partido. Foram oito anos de investigações, direito de defesa e julgamento. Não podem se queixar.

Alexandre Garcia Colunista da agência “Alô Comunicação”

Estavam de cabeça quente e não tiveram tempo de refletir: o tribunal de exceção tem 11 juízes e oito foram nomeados por Lula e Dilma; e o país que tem presos políticos é governado pelo PT há 11 anos. Se estivessem de cabeça fria, diriam que democracia é assim”


Política

MANAUS, TERÇA-FEIRA, 19 DE NOVEMBRO DE 2013

A5

Petistas se ‘queixam’ de prisão dos mensaleiros

O deputado estadual José Ricardo disse que o partido tem sofrido perseguições políticas

O

posicionamento adotado pelo recém-nomeado presidente nacional do PT, Rui Falcão, a respeito das prisões do ex-ministro da Casa Civil José Dirceu, do deputado José Genoino, e do ex-tesoureiro da sigla, Delúbio Soares, condenados no julgamento do mensalão, foi repercutido positivamente por deputados, vereadores e dirigentes partido no Amazonas. Os filiados de todo país se ocuparam ontem em registrar suas queixas sobre a prisão dos ‘colegas partidários’. Em nota dirigida à imprensa, Rui Falcão criticou a tratativa que o presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Joaquim Barbosa, deu ao caso, sob o argumento de que a execução das penas dos petistas se deu antes mesmo que seus recursos (embargos infringentes) tenham sido julgados. O presidente criticou também a mídia, que, segundo ele, fomentou a “espetacularização” do caso nacionalmente. A nota foi considerada ‘íntegra’ pelo presidente regional do partido em Manaus e candidato a presidência estadual, Waldemir Santana, que defendeu a inocência dos petistas e criticou a superexposição do caso na mídia. “Estou esperando Dirceu e Genoino irem ao banheiro para que os jornais publiquem na primeira capa”, disse. O sindicalista criticou, sobretudo, o que chamou de ‘espetáculo das prisões’, com os presos sendo transferidos de jato para Brasília, além do fato de estarem cumprindo as penas em regime fechado quando teriam direito ao semiaberto. Outro ponto tratado pelo dirigente é o fato da ordem de execução das penas ter sido expedida no feriado da Proclamação da República, na última sexta-feira (15), fato que, segundo ele, exemplifica a pressão de grupos

políticos no caso. O posicionamento do líder do PT na Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam) e também candidato a presidência estadual da sigla, Sinésio Campos, foi amarrado ao do Planalto, que tem se considerado ‘incapaz’ de emitir opiniões sobre as decisões da Justiça. Ao ser questionado, o deputado afirmou: “Quem sou eu para fazer qualquer julgamento ou insinuação sobre a Suprema corte?”, repedindo a mesma frase dita pelo ex-presidente Lula na última semana. Quem também seguiu os passos do Planalto foi o deputado federal Francisco Praciano. O único representante do PT-AM na Câmara, sem muita conversa, afirmou que não irá se pronunciar sobre o assunto. Já o deputado estadual José Ricardo Wendling, ponderado, disse que a Justiça cumpriu com seu papel em efetuar as prisões,

Já o deputado federal Francisco Praciano preferiu não falar sobre o assunto do mensalão

Dirceu, Genoino e Delúbio no semiaberto O juiz Ademar de Vasconcelos, titular da Vara de Execução Penal do Distrito Federal, decidiu no final da tarde de ontem que José Dirceu, José Genoino e Delúbio Soares deixam a instalação de regime fechado do Complexo Penitenciário da Papuda e vão para a instalação prisional de regime semiaberto. Mais cedo, o advogado do ex-ministro da Casa Civil José Dirceu, José Luís de Oliveira, se reuniu com Vasconcelos e entregou o pedido por cumprimento da pena por seu cliente em regime semiaberto. Dirceu está cumprindo pena de 7 anos e 11 meses por corrupção ativa. Penas inferiores a 8 anos são cumpridas em re-

gime semiaberto. “Cada minuto que meu cliente fica no regime fechado é um ato de ilegalidade. José Dirceu é um homem que tem força interior para enfrentar a situação”, disse Oliveira, antes de ingressar com o pedido. O juiz Ademar de Vasconcelos disse que a decisão sobre eventuais transferências dos réus do mensalão para as suas cidades de origem será tomada pelo presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Joaquim Barbosa. O magistrado se reuniu com advogados de defesa das ex-proprietária do banco Rural Kátia Rabello e do ex- diretor do banco Rural José Roberto Salgado, que pediram a transferência

de seus clientes para Minas Gerais. Vasconcelos afirmou que se limitará a ouvir o Ministério Público. A decisão caberá a Barbosa. O planejamento traçado até agora prevê celas individuais para os réus, inclusive para os que começarão a cumprir a pena em regime fechado, no presídio da Papuda, e para as duas mulheres condenadas, que irão para o presídio feminino em Brasília. Recebendo salário O deputado licenciado José Genoino (PT-SP) continua recebendo da Câmara o salário de R$ 26.723,13 referente à atividade parlamentar. Depois de passar por uma cirurgia de dissecção da aorta e de ter uma leve

isquemia cerebral, ele está de licença por motivo de saúde. O petista protocolizou em setembro um pedido de aposentadoria por invalidez. A junta médica formada pela Câmara afirmou, no entanto, que não tinha como emitir um parecer antes que o deputado se recuperasse da cirurgia e estendeu por mais 120 dias a licença de que gozava o deputado, que expirava em 18 de setembro. Encerrado o prazo de renovação da licença, em 6 de janeiro de 2014, a junta reavaliará o estado de saúde do deputado para decidir se prorroga novamente a licença, acata o pedido de aposentadoria por invalidez ou considera o parlamentar apto para o trabalho. DIVULGAÇÃO

RAPHAEL LOBATO Equipe EM TEMPO

ARQUIVO EM TEMPO

RICARDO OLIVEIRA

Alguns parlamentares da sigla no Amazonas defenderam os envolvidos e lamentaram a superexposição do caso na mídia

CRÍTICAS

Em nota dirigida para a imprensa, o presidente nacional do PT, Rui Falcão, criticou a tratativa que o STF deu ao caso. Falcão também apontou que a mídia fez “espetacularização” do caso mas reiterou o discurso de Waldemir Santana e afirmou que o partido tem sofrido por “perseguição política”. “Acho que tem segmentos da sociedade que não aceitam os avanços do PT”, afirmou. Na Câmara Municipal de Manaus (CMM), o vereador professor Bibiano subiu à tribuna da casa para defender o partido. “Não se pode denegrir a imagem do partido, principalmente, tendo outras siglas partidárias ligadas a escândalos com indícios de corrupção sem que, até então, tenha tido nenhum tipo de julgamento”, afirmou.

O deputado licenciado José Genoino, mesmo preso, continuará recebendo seu salário de parlamentar no valor de R$ 26 mil


Política

MANAUS, TERÇA-FEIRA, 19 DE NOVEMBRO DE 2013

Pesquisa mostra vitória de Dilma no primeiro turno

COM ANA PAULA LEITÃO E TERESA BARROS

www.claudiohumberto.com.br

Ah, não sei. Não achei nada” LULA SOBRE A FUGA DE HENRIQUE PIZZOLATO, meliante condenado por unanimidade no STF

PT sabia e até teria ajudado na fuga de Pizzolato A família e até o advogado de Henrique Pizzolato podem ter sido surpreendidos com sua fuga para a Itália, mas não a cúpula do Partido dos Trabalhadores. Dirigentes petistas não apenas sabiam como teriam ajudado na fuga, segundo alta fonte do próprio PT. O foragido ex-diretor do Banco do Brasil seria depositário de segredos caros a líderes do PT e os teria pressionado a ajudá-lo em troca do seu silêncio. Exílio dourado Primeiro Pizzolato pressionou o PT a livrá-lo da cadeia, ameaçando abrir o bico. Depois, negociou os termos de um “exílio” dourado. Arapongagem A área de Inteligência do governo federal também estava informada dos passos de Henrique Pizzolato, informou o Palácio do Planalto. A gente avisou Pizzolato planejou sua fuga sem pressa, desde que obteve a cidadania italiana. Esta coluna, na época, alertou para a possibilidade de fuga. O Maluf do PT Henrique Pizzolato é como Paulo Maluf: procurados pela Interpol, não podem deixar o país. Maluf por ser brasileiro, ele por ser ítalo-brasileiro. Enrolado no escândalo Metrô-SP age contra CBF Denunciado no escândalo de corrupção do Metrô de São Paulo, José Luiz Portella, ex-secretário de Transportes Metropolitano do governo José Serra, é acusado de fazer parte de outro esquema: a manipula-

ção de protestos de jogadores contra a CBF, a serviço de políticos e de cartolas, como o corintiano Andrés Sanches, que tentam a todo custo administrar o orçamento da maior entidade do futebol brasileiro. Mesmo jogo Portella seria um dos conselheiros do jogador Paulo André, criticado pelos colegas por fazer o mesmo jogo dos cartolas que tanto critica. Carreira Colegas acham que Paulo André é levado a provocar o confronto de atletas com a CBF e TVs para, se der certo, iniciar a carreira de cartola. Especialidade José Luiz Portella foi denunciado à Polícia Federal como autor de pressões contra a Siemens, para montar um esquema no Metrô-SP. Eram marinheiros Luis Alexandre Cardoso de Magalhães, Douglas Amato e Leonardo Leal Dias da Silva, fiscais presos por ladroagem na Prefeitura de São Paulo, são ex-oficiais da Marinha. Eram da mesma turma e deixaram a força naval como segundo-tenentes por achar que ganhavam pouco. Já vão tarde Os mensaleiros Valdemar Costa Neto (PR), Pedro Henry (PP) e João Paulo Cunha (PT) avaliam renunciar aos mandatos, para evitar o desgaste de Natan Donadon, deputado ladrão transitado em julgado. Ameaça é real Que se cuide o presidente da STF, ministro Joaquim Barbosa, que mandou os meliantes mensaleiros para a cadeia: o baixo nível dos ataques e a exasperação dos petistas

Jornalista

Presidente seria reeleita com 43% das intenções de voto, contra 14% de Aécio Neves e 7% de Eduardo Campos ROBERTO FILHO / PR

Cláudio Humberto

contra ele, ontem, no diretório nacional do PT, recomendam um bom reforço em sua segurança. Cara mordomia Além dos R$ 10 mil pagos a Cuba por médico, o governo brasileiro banca também a hospedagem cinco estrelas de uma centena deles em Brasília, no hotel Nacional, cujas diárias custam em média R$ 450. Esfarrapada Para Giovanni Queiroz (PDTPA), em vez de dificultar criação de novos municípios sob a desculpa de que gera gastos, o ministro Guido Mantega (Fazenda) deveria cuidar das denúncias contra seu gabinete. Sem noção O cônsul do Brasil no Cantão chinês, José Silva Lessa, tirou férias quando o vice Michel Temer chegaria para uma importante reunião da Comissão Sino-Brasileira de Alto Nível de Concertação e Cooperação (Cosban). O chanceler Luiz Figueiredo o enquadrou e o fez voltar. Ela, não Apesar das pesquisas, assessores de Aécio Neves (PSDB) e Eduardo Campos (PSB) não sabem quem vencerá em 2014, mas curiosamente recolhem a mesma observação das ruas: “Não será Dilma”. Referência Caso o detento mensaleiro José Genoino necessite, a Secretaria de Saúde do governo do DF mantém quatro unidades capacitadas para atender cardiopatas, com camas adaptadas para prisioneiros. Pensando bem... ...os detentos ilustres transportados para Brasília acabaram inaugurando a Mensaleiros Air Lines, cuja sigla, claro é MAL.

A presidente Dilma Rousseff também aparece em primeiro lugar na pesquisa espontânea

P

esquisa Ibope divulgada nesta segunda-feira mostra que a presidente Dilma Rousseff (PT) venceria no primeiro turno todos os seus adversários, em quatro cenários diferentes. No primeiro deles, com o senador Aécio Neves (PSDB) e o governador pernambucano Eduardo Campos (PSDB), a presidente aumentou sua vantagem em relação ao levantamento anterior, de outubro. Dilma tem 43% das intenções de voto, ante 14% do tucano e 7% do socialista. Brancos e nulos somam 21%; eleitores que não sabem ou não opinaram são 15%. Na pesquisa divulgada em 24 de outubro pelo instituto, Dilma somava 41%; Aécio, os mesmos 14%; e Campos, 3 pontos percentuais a mais. Com Marina Silva (PSB) no

cenário, Dilma tem 41%; a ex-senadora, 16%; e Aécio, 13%. Brancos e nulos são 17%, e entrevistados que não sabem ou não responderam somam 12%. Dilma cresceu 3 pontos percentuais em relação a outubro nesse cenário. Já Marina caiu 5 pontos. Aécio manteve o mesmo percentual. Quando o ex-governador José Serra é o candidato do PSDB, o tucano ficaria em segundo tanto num cenário com Eduardo Campos quanto com Marina Silva. No primeiro, Dilma, que em outubro tinha 40%, subiu um ponto; Serra passou de 18% para 19%; e Campos, de 10% para 7%. No segundo, Dilma foi de 39% a 40%; e Serra; de 16% para 17%. Já Marina, que tinha 21% da intenção de voto no mês passado, cai

6 pontos percentuais. Na simulação do segundo turno, Dilma venceria Aécio (47% x 18%), Marina (44% x 24%), Campos (48% x 12%) e Serra (45% x 21%). A presidente também aparece na primeira colocação quando da pesquisa espontânea, aquela em que o questionador não apresenta a lista de candidatos aos entrevistados, com 23%, seguida do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (8%), Aécio Neves e José Serra (ambos com 5%), Marina Silva (3%) e Eduardo Campos (1%). A pesquisa mostra também que 39% avaliam o governo da presidente Dilma Rousseff como “ótimo ou bom”, ante 38%¨do levantamento de outubro. Os que acham “ruim ou péssimo” são 24% (em outubro, eram 26%).

REPASSE MOREIRA MARIZ / AGÊNCIA SENADO

A6

PODER SEM PUDOR

Entregando comunistas No golpe de 1964, a polícia prendeu em Curitiba o advogado Noel Nascimento. Um major queria nomes de comunistas. - Não conheço nenhum comunista, major. - Claro que conhece e tem que contar. Ou se arrepende. - Mas eu tenho medo. Conheço dois, mas eles podem vingar-se de mim. - Não tenha medo. - Não diz que fui eu quem disse? Conheço Kruschev e Mao Tsé-tung. Noel ficou um mês na solitária.

DEFINIÇÃO

PEC do Voto Aberto em pauta A votação, em segundo turno, da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 43/2013, que acaba com as possibilidades de voto secreto no Poder Legislativo está prevista para a tarde desta terça-feira (19). Os senadores deverão examinar três destaques à matéria – que são pedidos para que trechos do texto original da proposta sejam votados separadamente – apresentados pelo senador Romero Jucá (PMDBRR). O objetivo do sena-

dor é que sejam mantidas algumas possibilidades de votações reservadas. “A ideia é segmentar as votações para não prejudicar a proposta. Da forma como ia, a PEC seria derrotada no segundo turno, porque não teria os 49 votos necessários. Nós queremos o voto aberto para a cassação de mandatos. Então esse é um ponto que o destaque prevê e espero que possa haver um entendimento entre os líderes e a gente possa votar na terça-feira”, disse Jucá.

Um dos destaques muda o Artigo 1º da PEC 43/2013, que veda o “voto secreto nas deliberações do Congresso Nacional, da Câmara dos Deputados e do Senado Federal”. Outro ponto da proposta de emenda à Constituição, que segundo Jucá, não tem consenso é a publicidade na votação de vetos presidenciais. Na última quarta-feira, a PEC 43/2013 foi aprovada, em primeiro turno, com 54 votos favoráveis, dez contrários e uma abstenção.

A votação da LDO está prevista para acontecer no Congresso no mês de julho deste ano

Congresso deve votar LDO 2014 Com quatro meses de atraso, o plenário do Congresso Nacional prepara-se para votar, hoje o projeto da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) para 2014. Uma das principais novidades do texto, que serve de parâmetro para a elaboração do Orçamento Geral da União, é a redução da contrapartida financeira para que Estados e municípios recebam recursos federais por meio de convênios. A proposta minimiza outra barreira na vida dos governos municipais e estaduais: o cadastro que mostra se o município ou Estado está apto ou não a receber recursos federais passa a ter validade de 120 dias.

De acordo com as mudanças, introduzidas pelo relator da LDO, deputado Danilo Forte (PMDB-CE), municípios de até 50 mil habitantes deverão contribuir com apenas 0,1% do valor total do projeto. Atualmente, esse percentual é de 2%. Nas cidades com população superior a 50 mil habitantes, o mínimo exigido cai de 8% para 1% do valor global. O alívio também será estendido aos governos estaduais: em vez de contribuírem com 10%, terão de apresentar contrapartida de apenas 2%. Nos casos em que o convênio com a União for tocado em consórcio com Estados e municípios, o percentual

mínimo será de 0,1%, em vez dos atuais 2%. Segundo levantamento da Confederação Nacional dos Municípios (CNM), 93% das prefeituras estão impedidas de receber transferência de convênio por estarem inadimplentes, ou seja, com dívidas ou falhas na documentação. A votação da LDO estava prevista para julho, antes do recesso parlamentar. Mas não houve acordo. Mas não houve acordo. O texto foi aprovado na Comissão de Mista de Orçamento apenas no dia 24 de outubro. Deputados e senadores não queriam aprovar a LDO antes da votação final da proposta de emenda à Constituição.


Política

MANAUS, TERÇA-FEIRA, 19 DE NOVEMBRO DE 2013

A7

Candidatos buscam novas alianças para o 2º turno Na disputa pela presidência estadual do Partido dos Trabalhadores, candidatos disputam selar alianças com ex-opositores RICARDO OLIVEIRA

ARQUIVO EM TEMPO

Sinésio Campos pediu, ontem, apoio do seu colega de bancada José Ricardo

RAPHAEL LOBATO Equipe EM TEMPO

A

poucos dias do segundo turno das eleições que escolherá o presidente estadual do PT no Amazonas, candidatos correm contra o tempo para consolidar parcerias e ganhar expressividade nas suas regiões de menos popularidade. De um lado, o deputado estadual Sinésio Campos se articula para conquistar a base eleitoral de seu colega de bancada

José Ricardo Wendling. Do outro, Waldemir Santana se aproxima do eleitorado no interior, onde não figura com liderança de votos. A estratégia adotada pelo deputado líder do governo na Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas (Aleam), Sinésio Campos, é de absorver os votos da base eleitoral do deputado José Ricardo, que no primeiro turno foi o segundo mais votado na capital amazonense e também no interior – onde ficou atrás somente de Sinésio.

Já Waldemir Santana preferiu não revelar suas articulações políticas

O eleitorado de Wendling pode garantir a Campos a unanimidade de votos no interior e o seu fortalecimento no eleitorado da capital, visto que em Manaus o candidato ficou atrás de José Ricardo, e do presidente do Sindicato dos Metalúrgicos, Waldemir Santana, líder de votos. Na manhã de ontem, Sinésio subiu à tribuna da casa para pedir publicamente o apoio do colega parlamentar José Ricardo, que não manifestou interesse em se engajar na campanha do canDIVULGAÇÃO

didato, nem declarou para quem será seu voto. O deputado preferiu deixar a cargo do eleitorado decidir a quem apoiar no segundo turno. “Defendo que o eleitorado estude qual o candidato melhor se adpte às necessidades do partido”, declarou. A “lavagem de mãos” de José Ricardo parecia já estar prevista por Sinésio Campos, que antes mesmo de pedir o apoio ao colega da bancada petista na Aleam já havia se articulado para garantir os votos dos grupos que haviam apoiado

a candidatura de José Ricardo no primeiro turno. “Vários deles (os grupos) já declaram apoio e também os aliados à Valtair Cruz, o quarto colocado nas disputas”, disse. O arranjo político de Sinésio Campos, que deixa imprevisível o resultado das eleições, deve motivar o sindicalista Waldemir Santana a se articular no interior e a proteger o seu fiel colégio eleitoral de industriários. O candidato, apesar de afirmado ontem que já se considera vencedor, confirmou que tem

conversando com lideranças interioranas e intensificado suas composições. Waldemir questionou a certeza de Sinésio a respeito do apoio de grupos ligados a José Ricardo. “Ele me disse que nem vai votar, mas, se o fizer, sem dúvida votará em mim, visto que temos conceitos políticos parecidos e representamos os trabalhadores”, afirmou. O sindicalista também afirmou que tem “dúvidas” sobre a legalidade dos votos registrados a Sinésio, mas não quis entrar em detalhes.

CPI DA TELEFONIA

Presidente da Anatel será ouvido

Nos próximos dias os membros da CPI deverão elaborar um relatório completo das oitivas

Membros da “CPI da Telefonia” se reúnem hoje, às 10h, para discutir a convocação do presidente da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), João Batista de Rezende, para participar da oitiva do processo investigativo. Segundo o presidente da “CPI da Telefonia”, deputado estadual Marcos Rotta (PMDB), a reabertura das oitivas com a convocação do presidente da Anatel pode ocorrer em virtude da ausência de dados da agência reguladora aos membros da comissão. “Embora o gerente regional da Anatel já tenha sido ouvido no processo, a comissão não ficou satisfeita. Isso porque todas as perguntas feitas não foram respondidas, pois o representante apenas afirmava não ter autorização para

respondê-las. Logo, vamos nos reunir para definirmos se é viável ou não convocar o presidente da agência, pois acreditamos que ele possa falar das ações da Anatel em relação à prestação de serviços telefônicos e de internet”, afirmou Rotta. O peemdebista informou ainda que, além de discutir a convocação do presidente da Anatel, também entrará em pauta a indicação do relator final da “CPI da Telefonia”. “Hoje três deputados são responsáveis por relatórios individuais: telefonia fixa, telefonia móvel e internet. No entanto, os membros deverão indicar o responsável pela relatoria única e final do processo investigativo”, explicou o parlamentar. Os prazos para a entrega dos relatórios individuais também serão definidos em reunião nesta terça-feira.

Segundo o presidente da CPI, para acelerar o processo e garantir que o relatório final seja aprovado ainda na primeira quinzena de dezembro no plenário da Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas (Aleam) os relatórios deverão ser entregues em um prazo de 15 dias. “Vamos propor que os relatórios individuais sejam entregues até 3 de dezembro e o relatório final até 9 de dezembro. Nossa expectativa é de que o documento final da CPI seja submetido ao plenário no dia 10 de dezembro”, completou Rotta. Nos próximos dias, os relatores da CPI da Telefonia vão elaborar um grande relatório.O documento será levado ao Congresso Nacional para que se possa criar um novo marco regulatório para os serviços de telecomunicações no Brasil.


A8

Política

MANAUS, TERÇA-FEIRA, 19 DE NOVEMBRO DE 2013

Comissão do Plano Diretor inicia análise de emendas Um dos temas mais polêmicos foi o que aumentava o número de pavimentações em prédios residenciais da cidade

A

análise do relatório do Plano Diretor de Manaus, com as Emendas aprovadas e rejeitadas pelo relator do anteprojeto, vereador Elias Emanuel (PSB) e equipe técnica da Câmara Municipal de Manaus (CMM), iniciou ontem, com a aprovação e rejeição de Emendas de quatro projetos do Plano Diretor, o PL 321, PL 322, PL 323 e PLC 003. A polêmica ficou em torno da análise das emendas do projeto de lei 322, que estabelece normas de uso e ocupação do solo em Manaus, tratando do potencial de adensamento das áreas territoriais como o gabarito dos prédios da cidade. Onze dos 13 membros da Comissão Especial de Revisão do Plano Diretor derrubaram a proposta que aumentava o número de pavimentos e aprovaram emenda que mantém o padrão hoje estabelecido. De acordo com o vereador Marcelo Serafim que brigou contra o aumento dos pavimentos, esse é o ponto mais polêmico do Plano Diretor, por adensar a cidade em áreas nobres e prejudicar assim toda a região com o aumento de apartamentos e moradores em regiões onde o trânsito já é

ROBERVALDOROCHA/DIRCOM

complicado. “Tenho convicção que para o bem da cidade, o Plenário também siga a decisão da comissão”. “A área mais afetada seria a do Parque 10 e Parque das Laranjeiras, que são áreas de oito andares que passariam para 16 andares. Imagina como ficaria o trânsito daquela região”, afirmou. Ao todo, o PL 322 recebeu

DISCUSSÃO

Todas as propostas aprovadas ou não pelo relator e pela comissão ainda seguem para discussão e votação no plenário da Câmara. A votação foi realizada por blocos com várias emendas 15 emendas, dessas apenas uma foi aprovada pelo relator. Após o debate na comissão, o PL será encaminhado para o Plenário com duas propostas aprovadas, uma delas a que muda o gabarito, e outras cinco apresentadas pela sociedade e aprovadas pela comissão. Todas as propostas, aprovadas ou não pelo relator e

pela comissão ainda seguem para discussão e votação no Plenário da Câmara. A votação foi realizada por blocos com varias emendas do mesmo tema que foram aprovadas ou rejeitadas. A única Emenda apresentada ao PL 323, que trata do perímetro urbano de Manaus e limites da cidade, foi aprovada pelo relator e pelos demais membros da comissão. A emenda 01 altera o termo zona de expansão urbana para zona de transição em todo o texto do projeto de lei. A emenda, segundo explicação do relator, visa classificar melhor as áreas localizadas entre zonas urbanas e as zonas rurais de Manaus. A proposta foi apresentada pela Federação de Agricultura e Pecuária do Estado do Amazonas (Faea). O terceiro projeto analisado foi o que dispõe sobre áreas de especial interesse social, que define parâmetros diferenciados para parcelamento e uso do solo e para as construções nas áreas de especial interesse social (Aeis), destinadas a regularização fundiária e urbanística e a implantação de políticas para promoção de habitação de interesse social na área urbana de expansão.

Na reunião de ontem quatro projetos foram avaliados pelos vereadores e receberam parecer

Parcelamento do solo urbano Nesse projeto, das oito emendas apresentadas de autoria dos vereadores, uma foi aprovada e sete rejeitadas, sendo que uma delas foi reapresentada pela comissão e aprovada. Outras duas propostas apresentadas pela socie-

dade civil também passaram com parecer favorável após a comissão reapresentá-las. O último projeto analisado nesta foi de lei complementar 3/2013, que trata do parcelamento do solo urbano. As duas emendas apresentadas foram

aprovadas pela comissão, entre elas a emenda 001, apresentada pelo vereador Everaldo farias (PV) que visa passar ao loteador a responsabilidade pela realização das obras necessárias ao calçamento e passeio correspondente ao imóvel.


Caderno B

MANAUS, TERÇA-FEIRA, 19 DE NOVEMBRO DE 2013

economia@emtempo.com.br

DÓLAR compra/venda Paralelo -

INDICADORES ECONÔMICOS

R$ 2,17 / R$ 2,42 *

Câmbio livre BC - R$ 2,2822 / R$ 2,2828 **

Variação do câmbio livre BC no dia: -4,24% na semana: -1,98% no mês: 5,61%

Turismo -

dif.livre mercado/paralelo: 6,70%

(*) cotação do Banco do Brasil / (**) cotação do Banco Central / (***) cotação média do mercado

Economia B2

(92) 3090-1045

Câmbio livre mercado - R$ 2,266 / R$ 2,268 * R$ 2,190 / R$ 2,330

DIVULGAÇÃO

Economia

PSOL promete ação contra a venda da Cigás

OURO BM&F R$ 93,00

Salário Mínimo Janeiro 2013: R$ 678,00

-2,5157%

Poupança

Salário Família/Setembro

Aniversário

Rendimento (%)

19/11

0,5193

20/11

0,5428

até R$ 646,55: R$ 33,16 de R$ 646,55 até R$ 971,78: R$ 23,36

(*) depósitos até 03/05/12 / (**) depósitos apartir de 04/05/12

Fiam pode gerar negócios de R$ 24 mi para o Estado ARQUIVO EM TEMPO

Divulgado, ontem, pela Suframa, valor estimado é praticamente igual ao montante fechado na edição do ano passado

U

m volume de negócios de R$ 24 milhões deve ser fechado para o Amazonas na 7ª edição da Feira Internacional da Amazônia (Fiam), que será realizada entre os dias 27 e 30 de novembro. A previsão é da Superintendência da Zona Franca de Manaus (Suframa). O valor estimado é praticamente o mesmo montante de negócios fechado na última edição do evento, em 2011. Entretanto, a expectativa do titular da autarquia, Thomaz Nogueira é de que ao longo dos quatro dias de feira, o volume de negócios pode alcançar mais 10% de crescimento frente à projeção inicial, somando R$ 26,4 milhões. Segundo Nogueira, a projeção de incremento está ligada a fatores como o nível de atenção dado a outros segmentos como o de serviços (bares e restaurantes) e ao foco para os negócios com os chamados países pan-amazônicos. “O maior estande será ocupado pela Venezuela, um dos países vizinhos com o qual o Estado tem se esforçado para estreitar laços de acordos bilaterais, ou seja, viáveis para as duas partes, no comércio”, adiantou.

Para o superintendente, as negociações com o governo venezuelano é uma das mais avançadas e pode render relações produtivas para a compra de insumos para o Polo Industrial de Manaus (PIM), como borracha e outros itens pneumáticos. “Há alguma dificuldade de natureza cambial, mas o interesse em negociar com o Brasil e, sobretudo com o Amazonas é grande, por este

MOVIMENTO

Na edição de 2011, foram gerados US$ 13,1 milhões em negócios, destaque para bebidas, artesanato e alimento. No acumulado de todas as edições, montante fechado foi de quase US$ 73 milhões motivo o pedido de um espaço maior no evento”, explicou. Acordos Os acordos com outros países também estão adiantados. Conforme Nogueira, o Peru, que pode gerar US$ 10 bilhões em acordos bilaterais com o Brasil nos próximos anos, e o Equador, são dois potenciais parceiros a médio prazo. Em ocasião anterior, o assessor técnico da Coor-

denação Geral de Comércio Exterior da Suframa (Cogex), Frederico Aguiar, informou que duas novas rotas estão em fase final de estudo. A primeira é a linha que ligaria Manaus à capital do Equador, Quito e de lá faria conexão com um país europeu ainda em fase de negociação. A segunda é a tentativa do Amazonas em fechar uma parceira para a rota que ligaria Manaus à capital do Peru, Lime e a Madri na Espanha. Entre as empresas cotadas para fechar o acordo está a chilena LAN linhas aéreas. “Somente nesse caso poderíamos favorecer o turismo, que é um interesse dos três países, baratear os custos de produção e de distribuição de produtos consagrados do PIM como motocicletas, televisores e smartphones. Todos ganhariam”, justificou. A feira Com orçamento de R$ 6,2 milhões, a Fieam deve atrair 60 mil pessoas e reunir em torno de 300 expositores, a maioria empresas do PIM. O tema “Passe para o futuro” faz menção ao início da discussão pública em relação aos próximos passos do modelo, após a conquista da prorrogação da ZFM até 2073, proposta que aguarda aprovação até o final deste ano.

Greve pode atrapalhar o evento Apesar das perspectivas positivas em relação a Fiam, a paralisação dos servidores da autarquia programada para os próximos dias 21 e 22, pode atrapalhar o andamento do evento. A expectativa é de que 400 servidores cruzem os braços para reivindicar a reestruturação de cargos e salários, considerada defasada frente a outros órgãos públicos. O prejuízo estimado pelo Sindicato dos Servidores da autarquia (Sindiframa) é de

até R$ 200 milhões por dia na economia local. Segundo a entidade, se as reivindicações não forem atendidas, o movimento segue por tempo indeterminado. O titular da Suframa, Thomaz Nogueira, informou que trata do assunto junto aos ministérios responsáveis, em Brasília, mas não garantiu um atendimento imediato. “Se a expectativa dos trabalhadores for um prazo muito curto não poderemos atender”, afirmou.

Nogueira afirmou que a autarquia vai assegurar a realização dos serviços. Ele contou que algumas medidas foram tomadas para adaptar os trabalhos em relação ao número do quadro de funcionários, hoje reduzido a espera pelo concurso público da autarquia para o provimento de 234 vagas. “O número de seminários, por exemplo, será menor, para comportar a capacidade técnica que possuímos no momento”, destacou. DIVULGAÇÃO

JULIANA GERALDO Equipe EM TEMPO

Para Thomaz Nogueira (no centro), feira vai estreitar relações bilaterais com países vizinhos


B2

Economia

MANAUS, TERÇA-FEIRA, 19 DE NOVEMBRO DE 2013

Ação pode afetar processo de privatização da Cigás O

processo de privatização da Companhia de Gás do Amazonas (Cigás) deve sofrer resistência nos próximos dias. Um grupo de parlamentares do Partido Socialismo e Liberdade (PSOL), em conjunto com entidades e instituições locais, pretendem ingressar com uma ação junto ao Tribunal de Justiça para impedir a venda da companhia. De acordo com o presidente estadual do partido e líder do movimento, Élson Melo, a “comercialização” da companhia é prejudicial para o cumprimento de objetivos básicos estabelecidos na criação da empresa. Segundo ele, a Cigás, criada para distribuir o gás do município de Coari, além de promover o abastecimento das empresas do Distrito Industrial, trouxe a promessa de baratear o gás para a população e melhorar a distribuição para termelétricas. “Se entrar no rol da privatização, estes objetivos, que são de âmbito do Estado, serão esquecidos pela iniciativa particular, não favorecendo a população”, criticou. Melo informou que o grupo guarda apenas a publicação do edital de leilão das ações da companhia pertencentes ao governo estadual para encaminhar a peça judicial ao órgão adequado. “Estamos aguardando o texto para prepararmos a nossa defesa em cima do que for expedido

pela Casa Civil. Nossa expectativa é dar entrada imediatamente após a publicação do edital”, reforçou. Adiamento A publicação do edital referente ao leilão, prevista para ocorrer ontem, foi novamente adiada. De acordo com o presidente da Comissão Estadual de Desestatização da Cigás, e presidente da Casa Civil, Raul Zaidan, detalhes ligados à legislação da estatal impediram a finalização dos trabalhos e publicação do texto. “A comissão deve analisar as últimas divergências para não correr o risco de colocar no edital, informações passíveis de dupla interpretação”, disse sem dar maiores explicações sobre o teor do documento. Segundo Zaidan, a nova previsão é de que até amanha os acertos finais sejam realizados e de que na quarta-feira, o texto obtenha o parecer da Procuradoria Geral do Estado (PGE), e esteja pronto para ser publicado pela Comissão Geral de Licitação do Amazonas (CGL/ AM). A partir da divulgação, será concedido um prazo de 45 dias para as empresas interessadas participarem do processo. Ao todo, a venda da empresa está orçada em R$ 804 milhões, os 17% pertencentes ao Estado vão render aos cofres públicos R$ 136,6 milhões no leilão. O recurso será revertido para a construção da Cidade Universitária da Universidade do Estado do Amazonas (UEA).

Privatização da Cigás está orçada em mais de R$ 800 milhões, valor considerado aquém do preço real da empresa por especialistas

ARQUIVO EM TEMPO

TRABALHO

Walzenir Falcão revela que 16 mil carteiras estão pendentes

Pescadores fazem protesto pela liberação das carteiras FÁBIO OLIVEIRA Equipe DO AGORA

Mais de 400 pescadores do Amazonas realizaram uma manifestação, ontem, em frente à Superintendência da Pesca e Aquicultura, na rua Vista Alegre, bairro Educandos, Zona Sul, para cobrar do órgão a liberação da Carteira de Pescador Profissional Artesanal. Segundo o presidente da Federação dos Pescadores no Amazonas (Fepesca-AM), Walzenir Falcão, mais de 16 mil carteiras estão pendentes e já deveriam estar nas mãos dos pescadores. Conforme ele, a atividade do pescador precisa ser regularizada para que discrepâncias futuras não ocorram aos trabalhadores.

“Se o pescador for flagrado trabalhando sem carteira, ele perderá benefícios como aposentadoria, auxílio-doença, entre outros, além de perder a embarcação e o pescado”, explicou. De acordo com o superintendente da Pesca no Amazonas, Raimundo Nonato, o atraso na emissão e entrega das carteiras é devido a um temporal ocorrido na cidade há 30 dias. Segundo ele, a forte chuva danificou o prédio do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), na rua Maceió, Adrianópolis, Zona Centro-Sul, onde eram realizadas as impressões. Por conta deste imprevisto, Nonato afirmou que até o dia 10 de janeiro todas as carteiras serão entregues.

CONSCIÊNCIA NEGRA

FINANÇAS

Especialistas preveem inflação menor em 2013 As projeções do mercado para a inflação deste ano e do próximo foram revisadas para baixo. Para este ano, a previsão é de que o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) feche em 5,84%, contra expectativa anterior de 5,85%. Os dados fazem parte do Boletim Focus, divulgado pelo Banco Central toda segunda-feira. O relatório reúne previsões de aproximadamente 100 instituições financeiras do país sobre os principais indicadores econômicos. Para 2014, o mercado ajustou sua estimativa de inflação para 5,91%, contra os 5,93% da semana anterior. Há quatro semanas, a expectativa era de que a inflação do próximo ano fecharia em 5,94%. Com relação à inflação em 12 meses, houve recuo pela quarta semana consecutiva, de 6,18% para 6,14%. Os analistas também revisaram a estimativa para o avanço do IPCA de novembro, de 0,67% para 0,66%.

Quanto à taxa de juro, não houve alterações. A previsão para a Selic no fim de 2013 seguiu em 10% pela quarta semana consecutiva. Desta forma, o mercado espera aumento de 0,50 ponto percentual na atual taxa, de 9,50% ao ano, na última reunião do Comitê de Política Mo-

ROBUSTA

A presidente Dilma Rousseff reafirmou hoje que, apesar dos efeitos da crise internacional, país tem contas sólidas e se manterá pelo décimo ano consecutivo abaixo da meta

Shoppings vão funcionar normalmente no feriado Os shoppings da capital amazonense deverão abrir as portas em horário padrão, amanhã, durante o feriado que comemora o Dia Nacional da Consciência Negra. O Manaus Plaza Shopping, por exemplo, funcionará das 10h às 22h, incluindo lojas e praça de alimentação. Conforme a assessoria do empreendimento, as Lojas Americanas abrirão mais cedo, às 9h, mantendo horário normal, assim como o Super DB, às 8h. A rede Cinemais manterá o atendimento ao público, das 13h às 22. Já as loterias da Caixa abrirão no horário de 9h às 19h. Porém, no feriado, estarão fechadas as unidades dos Correios e Banco do Brasil. A academia Em Forma também terá as atividades suspensas.

Por sua vez, as lojas do Shopping Ponta Negra vão abrir das 10h às 22h, incluindo a praça de alimentação. As salas de cinema da rede Cinépolis abrem ao meio-dia para vendas de ingressos. Segundo a assessoria de imprensa, as lojas, os quiosques e a praça de alimentação do Millennium Shopping funcionarão normalmente das 10h às 22h, amanhã, quando é comemorado o Dia Nacional da Consciência Negra. O Amazonas Shopping, o Shopping Manauara e o Studio 5 não divulgaram ainda a programação de funcionamento para o feriado. A tendência é que os empreendimentos sigam demais shoppings, abrindo as portas para atender o público normalmente no horário padrão. DIEGO JANATÃ

JULIANA GERALDO Equipe EM TEMPO

DIVULGAÇÃO

Grupo de correligionários do PSOL pretende ingressar com representação na Justiça para impedir venda da companhia

netária (Copom) do ano, semana que vem. Para 2014, a projeção permaneceu em 10,25%. Para o desempenho da economia brasileira, estimativa de crescimento é de 2,50% neste calendário, sem mudança, e de 2,10% em 2014, ante expectativa anterior de expansão de 2,11%. As lojas e praças de alimentação abrirão as portas amanhã


Economia

MANAUS, TERÇA-FEIRA, 19 DE NOVEMBRO DE 2013

B3

‘Governo gastará só com prioridades’, diz secretário Conforme Afonso Lobo, queda nos repasses federais obrigou o Estado a “apertar os cintos” e mudar sua política de gastos DIEGO JANATÃ

Mesmo com o “sufoco” causado por um corte de mais de R$ 200 milhões que deixaram de ser repassados, governo do Amazonas comprometeu apenas 15% da capacidade de endividamento ANWAR ASSI Equipe EM TEMPO

M

esmo com o sinal amarelo aceso devido às contas apertadas em função da redução dos repasses federais, a capacidade de endividamento do governo do Amazonas está controlada. A afirmação foi feita, ontem, pelo o titular da Secretaria de Estado da Fazenda (SefazAM), Afonso Lobo. Segundo ele, para 2013, o governo possui um potencial de contrair dívidas no valor

superior a R$ 20 bilhões. Porém, o montante comprometido gira hoje em torno de R$ 3 bilhões, ou seja, só 15% do que o Estado pode se endividar. “O governo tem procurado gastar o essencial”, declarou. Aperto O secretário reconheceu que o Estado tem adotado a política de “apertar os cintos” em função de um déficit que já supera R$ 1 bilhão. Por conta desta situação, o governador Omar Aziz chegou a congelar as compras do governo este mês dentro da política de equi-

librar as contas, conforme publicou, neste final de semana, um jornal de grande circulação nacional. “Suspendemos as liquidações, pois estamos com o orçamento administrado. Só vamos empenhar e liquidar aquilo que é de fundamental relevância para o Estado como os gastos em áreas fundamentais como, entre outras, a da saúde e a de segurança. Vamos permitir somente o que for de fato relevante para o Estado”, contou Afonso Lobo. Segundo ele, a principal “frustração” do governo do Amazonas é com o montante

de verbas federais que deixou de ser repassado para o Estado que superam os R$ 200 milhões. Os recursos são provenientes de alguns fundos e contribuições como o Fundo de Participação dos Estados (FPE), que é um sistema de transferência de recursos do governo federal para redistribuir a renda e promover o equilíbrio socioeconômico entre os Estados, e as Contribuições de Intervenção no Domínio Econômico (Cide) incidente sobre os combustíveis. Além deles, o Estado deixou de receber também recursos

Peixes ficarão 16% mais caros Com a proibição da pesca, venda e beneficiamento até 15 de março de 2014 em toda a bacia hidrográfica do Amazonas, o preço das seis espécies tende a disparar nos mercados e feiras da capital. Segundo o presidente da colônia de pescadores do Matupiri, Jorgeano Silva, o preço final vai depender da quantidade planejada durante o manejo do pescado em tanques ao longo do ano. “Nesse período, é possível que pacu, sardinha e matrinxã cheguem com preços entre 7,5% a 16% mais altos nas feiras e mercados. A “cambada” com dez unidades de pacu, por exemplo, pode chegar a R$ 25. Já a “cambada” com 15 sardinhas manejadas poderá ser vendida a R$ 18”, afirmou.

constituíam um dinheiro que era aplicado nos gastos prioritários do governo. Tivemos que segurar agora esses gastos”, frisou Afonso Lobo. Novo modelo Para economistas locais, chegou a hora do Amazonas buscar novos modelos de desenvolvimento econômico para que o Estado não fique dependente somente da Zona Franca de Manaus (ZFM). Conforme dados da Sefaz-AM, o Amazonas recebe atualmente em torno de R$ 2,3 bilhões em repasses federais.

CONSUMIDOR

DEFESO

HENRIQUE XAVIER Equipe EM TEMPO ON-LINE

oriundos do Fundo do IPI-Exportação, que foi constituído como forma de compensação aos Estados e municípios pela redução da receita do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) provocada pela isenção das exportações de produtos industrializados. Pelas regras vigentes, o fundo é constituído por 10% do total arrecadado pelo IPI e os recursos nele são distribuídos proporcionalmente ao valor das exportações de produtos industrializados na pauta de exportação dos Estados e municípios. “Esses repasses

No próximo dia 22, o Instituto de Proteção Ambiental do Amazonas (Ipaam) lançará a sexta edição da campanha “Pescador Fique Legal”, no Terminal Pesqueiro, localizado na Zona Sul de Manaus. A iniciativa foi criada para orientar pescadores, comerciantes e a população em geral a respeitarem o período de defeso de espécies regionais, como o matrinxã, pirapitinga, sardinha, pacu, aruanã e mapará, cuja captura está proibida desde o último dia 15, mas com presença garantida no cardápio das famílias amazonenses. O presidente do Ipaam, Antônio Stroski, explicou que a Campanha Pescador Fique Legal é realizada sob a coordenação do Ipaam com o apoio do Batalhão Ambiental, Ibama, Ministério da Pesca, Sindicato dos Armadores de Pesca, Se-

cretaria Municipal de Produção e Abastecimento de Manaus (Sempab) e órgãos ambientais de meio ambiente ligados às prefeituras dos

PROTEÇÃO

Período do defeso é estabelecido todo ano como uma medida para garantir a reprodução de diversas espécies de pescado presentes nos rios que cortam o Estado do Amazonas municípios amazonenses. Ele declarou que até o fim do defeso, as espécies só podem ser vendidas se forem oriundas de projetos de piscicultura (cultivo em cativeiro) ou se tiverem sido estocadas antes do dia 15 de novembro

e constarem do documento de declaração de estoque. “Queremos preservar nosso estoque pesqueiro e a capacidade de reprodução. As pessoas precisam cumprir rigorosamente o indicado. A punição para quem descumprir o período é baseada na lei de crimes ambientais, com penalidades que vão desde advertência até a aplicação efetiva de multas”, explicou Stroski. Estoque Os estabelecimentos que possuem o peixe em estoque tais como frigoríficos, restaurantes e supermercados, que adquiriram os pescados antes do defeso, tem até hoje para declararem os estoques. A declaração permitirá o comércio das espécies protegidas e garantir que o estabelecimento não seja multado por venda ilegal.

Dia das Crianças estimula aumento da inadimplência Após quatro meses de quedas consecutivas, a inadimplência dos consumidores subiu 3,7% em outubro, na comparação mensal, segundo dados divulgados hoje pela Serasa Experian. Embora outubro tenha apresentado alta, diferentemente do que foi visto nos meses de junho (-4%), julho (-3,5%), agosto (-5,5%) e setembro (2,8%) - todos com inadimplência em queda-, não foi considerado pelos economistas da Serasa, como reversão na tendência do atual momento de recuo dos níveis de inadimplência dos consumidores. O maior volume de vendas pelo Dia das Crianças e maior número de dias úteis em relação a setembro explicam a alta da inadimplência em outubro, ou seja, efeitos sazonais, dizem os economistas. No acumulado do ano frente mesmo período do ano passado, a inadimplência caiu 0,6%,

representando primeira queda histórica da série para período de janeiro a outubro. Na relação anual, comparando os meses de outubro deste ano e do ano passado, o indicador também registrou declínio, de 11,9%, sendo esta a quinta queda mensal consecutiva na comparação interanual. Dívidas As dívidas não bancárias -contraídas via cartões de crédito, financeiras, lojas em geral e prestadoras de serviços como telefonia e fornecimento de energia elétrica e águapuxaram a alta da inadimplência em outubro, com variação positiva de 5,1%. A inadimplência com os bancos, os títulos protestados e os cheques sem fundos também colaboraram para o crescimento do índice, com variações positivas de 0,9%, 16,8% e 10,6% respectivamente.


B4

Economia

MANAUS, TERÇA-FEIRA, 19 DE NOVEMBRO DE 2013


Caderno C

Dia a dia MANAUS, TERÇA-FEIRA, 19 DE NOVEMBRO DE 2013

diadia@emtempo.com.br

(92) 3090-1041

ERLON RODRIGUES/AGORA

Adolescente morta pelo namorado Dia a dia C4

Indígenas são ignorados pela Funai no Amazonas Há mais de duas semanas os líderes ocupam o prédio em Adrianópolis. Coordenador não os recebe e mudou local de trabalho IONE MORENO

Indígenas que ocuparam a sede da Funai em Adrianópolis reclamam da falta de contato do coordenador Eduardo Desidério Chaves, que se recusa a recebê-los e mudou local de trabalho para a Anac ISABELLE VALOIS Equipe EM TEMPO

A

pós 15 dias, cerca de 32 líderes de várias etnias indígenas da região amazônica continuam ocupando o prédio da Fundação Nacional do Índio (Funai), na rua Maceió, Adrianópolis, Zona CentroSul, manifestando-se pela saída do atual coordenador, Eduardo Desidério Chaves. Segundo os índios, o pedido de exoneração do coordenador é pelo simples fato de ele se recusar a ter contato com o grupo e não colaborar na retirada dos documentos

necessários aos indígenas, como certidões, e agir com discriminação. Alguns manifestantes, no período do feriado, tiveram que retornar para suas aldeias em busca de alimentos e roupas limpas, mas devem retornar à Funai ainda esta semana. As lideranças vêm de Iranduba, Manacapuru, Coari, Manicoré, Alto Solimões, Borba, Barcelos, Nhamundá, Autavez, Novo Ayrão e Careiro Castanho. O assessor jurídico do advogado que acompanha o caso dos indígenas, Rosemberg de Souza, da etnia apurinã, explicou que os líderes esperavam ALEXANDRE FONSECA

na manhã de ontem para conversar com o indigenista enviado de Brasília (DF), identificado apenas como Paulo. “O que soubemos que até o momento, o indigenista se deslocou para uma reunião com o Eduardo, mas em nenhum instante nos procurou para saber por qual motivo estamos nos manifestando na fundação. É necessário que os índios também sejam ouvidos e tenham mais atenção”, disse Rosemberg. Discriminação Um dos líderes indígenas, o cacique da aldeia de karanaí, do município de Autazes, ex-

plicou que há discriminação pela parte de Eduardo. “Na maioria das vezes, temos uma grande dificuldade para sairmos da aldeia e se deslocar para Manaus, e quando chegamos na fundação, somos destratados e ignorados pela coordenação, e não queremos isso”, disse. Por causa da presença dos índios na Funai, o coordenador solicitou um espaço no escritório local da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), na rua Belo Horizonte, também em Adrianópolis. Uma funcionária que trabalha há mais de 27 anos na Funai, mas não quis se

identificar, contou que, por causa dessa mudança, o atual coordenador da fundação ordenou que toda a equipe de limpeza terceirizada deixasse de limpar o prédio ocupado pelos indígenas e fosse limpar o local onde ele se encontra. “Depois que ele assumiu a fundação, em nenhum momento reuniu com a equipe que dedica há anos sua vida pela Funai. Nosso prédio não tem manutenção e ainda passamos por problemas de falta de ventilação nas salas, e problema de luz, pois às vezes é necessário trabalharmos no escuro”, revelou a

funcionária. Alguns documentos dos órgãos chegaram a ser transferidos para o prédio da Anac, mas por não haver um acordo entre as partes, os indígenas, ainda na manhã de ontem, resolveram fechar os portões da fundação para evitar que qualquer documento e até mesmo o carro saíssem do prédio. A equipe do EM TEMPO tentou contato com o coordenador no escritório da Anac, mas Eduardo se recusou de atender a equipe de reportagem e não quis repassar qualquer tipo de informação a respeito do assunto.

TRÂNSITO

Pedestres ficam sem as faixas IVE RYLO Equipe EM TEMPO

Na avenida Álvaro Maia, falta de faixa expõe pedestres

Transpor as avenidas da cidade, mesmo que sobre a faixa de pedestre, já não é tarefa fácil, imagine então quando a sinalização é retirada. Cobertas por novas capas de asfalto, a maioria das faixas de pedestre desapareceram das principais vias da capital e tem prejudicado a vida de muitos pedestres. A avenida Álvaro Maria, Centro, em frente ao banco Bradesco, é um dos locais onde a faixa foi soterrada pelo recapeamento. Mesmo com a sinalização vertical, nos horários de pico é difícil contar somente com

a paciência e educação dos motoristas para cruzar a rua. “Ontem quase fomos atropeladas, porque o ônibus parou no local onde era a faixa, mas o carro que veio na outra pista não parou ”, disse a estudante Carla Roberta Batista, 17, que todos os dias passa pelo local em companhia da amiga Débora Carolina Serrão, 17. “Do jeito que está, é muito perigoso porque os motoristas não querem parar. Teve um dia que esperamos um tempão para atravessar, fazíamos sinal pedindo passagem, mas ninguém parava”, salientou Serrão. Sem sinalização, pedestres de várias zonas da cidade estão tendo dificuldade em se

deslocar. “Perto do T1 tinha uma faixa que foi coberta. Tem uma placa, mas os carros não param”, disse o professor Pedro Gustavo Cardoso, 29. Outras vias de grande movimentação, como Djalma Batista, Constantino Nery, Joaquim Nabuco e até na estrada da Ponta Negra estão também carentes de sinalização, em alguns pontos. O Instituto Municipal de Engenharia e Fiscalização do Trânsito de Manaus (Manaustrans) informou por meio da assessoria que todas as faixas serão recolocadas na cidade. Contudo, as chuvas que atingiram a capital nas últimas duas semanas atrasaram o

cronograma das obras. Segundo informações do órgão, a pintura das faixas só pode ser feita de 7 a 15 dias depois da secagem do asfalto, que não pode ser pintado molhado. Para não atrasar ainda mais os trabalhos, a prefeitura, que utilizava somente o período noturno para pintar, vai aproveitar durante o dia, os momentos de sol. Na tarde de ontem, a avenida Nilton Lins, entre as avenidas Torquato Tapajós e das Torres, começou a receber sinalização horizontal. Segundo o órgão, a próxima avenida sinalizada é Joaquim Nabuco, entre a rua Barão de São Domingos e praça Santos Dumont.


C2

Dia a dia

MANAUS, TERÇA-FEIRA, 19 DE NOVEMBRO DE 2013

‘Caso Belota’: familiares fazem panfletagem na rua Objetivo foi chamar a atenção para o júri popular que acontecerá na próxima quinta-feira no TJAM

ALEXANDRE FONSECA

IVE RYLO Equipe EM TEMPO

F

amiliares de Gabriela, 26, Maria Gracilene Belota, 52, e Roberval Brito, 61, assassinados em janeiro deste ano, foram às ruas pedir pelo não adiamento do julgamento do caso, marcado para a próxima quinta-feira (21). A possibilidade deve ser julgada hoje no Tribunal de Justiça, e foi requerida pelo advogado do réu Rodrigo de Moraes Alves, Mozarth Ribeiro Bessa Neto, que pediu para que as investigações de outra suspeita do crime, Olga Matos, sejam finalizadas antes do julgamento. Vestidos com camisas com o retrato do trio, pelo menos 20 familiares, realizaram panfletagem no cruzamento das avenidas Djalma Batista com João Valério. “É interesse da outra parte adiar o julgamento para a história cair no esquecimento. Já estamos esperando 10 meses”, reivindicou a tia de Gabriela, a funcionária pública Clara Belota, 54. Tios, primos e amigos de todas as idades ajudaram no manifesto. Mais de 5 mil folders, narrando o “caso Belota”, com detalhes do assassinato retirados do processo disponível no site do TJAM vem sendo distribuídos desde a última semana, em

ruas movimentadas da cidade. Hoje, a família pretende prosseguir a distribuição na novena de Aparecida, no bairro de mesmo nome, a partir das 17h. “Acredito na Justiça. Estamos confiantes no Judiciário que é sério e empenhado”, salientou Clara. Na Zona Leste, o pai de Gabriela, Mário Belota, seguiu distribuindo o folder e pedindo apoio da população. “Esperamos que aconteça e a justiça seja feita. Quando entrego o panfleto para as pessoas na rua, sinto apoio da população que não aceita nem a corrupção e muito menos a violência contra a famílias”, destacou. Passados dez meses, o sentimento de revolta da família é visível. “Esse rapaz (Jimmy) é uma ameaça para a sociedade. Ele foi criado pela Gracilene, que o acolheu, e pela mãe dele. Transformou um quarto da casa dela em U.T.I pra tratar da mãe dele que estava doente. Ele chamava a Gracilene de ‘mãezinha’ e faz uma coisas dessas”, disse a tia. Caso o julgamento seja adiado, a família pretende manifestar-se em frente ao tribunal, levando inclusive a mãe e irmãos do yorkshire Rick, também assassinado. “Eu dei o Rick, cria da Dara, para Gabriela. E ela junto aos outros cães estarão lá”, disse Clara.

Parentes dos três mortos irão acompanhar o júri popular do caso, que acontecerá quinta-feira

EDUCANDOS

Vacinação chega a mais bairros A Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), por meio do Centro de Controle de Zoonoses (CCZ), iniciou ontem a vacinação contra raiva animal nas comunidades do Campo Dourado, Francisca Mendes, Riacho Doce, Renato Souza Pinto (Zona Norte); Petrópolis, Japiim e Japiinlândia (Zona Sul); Cidade do Leste e Grande Vitória (Zona Leste); e Alvorada, Nova Esperança, Nova Jerusalém, conjunto Manoel Nogueira e conjunto Cophasa (Zona Oeste). O secretário municipal de Saúde, Evandro Melo, explica que 120 equipes de vacinadores estão visitando cada residência para vacinar cães e gatos. Os vacinadores estão identificados com a camisa e o colete de vacinador, e a recomendação é para que os moradores auxiliem na contenção dos animais para a aplicação da vacina. A Semsa pretende vacinar 155.823 cães e 48.479 gatos, totalizando 204.302 animais, até o encerramento da campanha, marcado para o dia 16 de dezembro. A campanha já atingiu 91.216 animais. Podem ser vacinados animais com mais de três meses de vida e que não estejam doentes.

ZONA OESTE

Artefato explosivo gera temor

IONE MORENO

ISABELLE VALOIS E IVE RYLO Equipe EM TEMPO

A ameaça de uma possível bomba agitou a manhã de ontem na região do complexo do Amarelinho, no boulevard Rio Negro, em Educandos, Zona Sul. O objeto descoberto era, na verdade, uma caixa com 35 sinalizadores e oito bombas utilizadas em pescaria, mas foi detonado pela equipe Manuseio de Artefatos Explosivos (Marte), da Polícia Militar. Segundo o cabo PM da 2ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom), Sidney Passos, um rapaz conhecido na área e identificado como Vicente localizou a caixa sob a estrutura de um lanche. Curioso, ele levou a caixa para o banco da praça. Vizinhos que viram a situação, preocupados com o conteúdo da caixa, acionaram a polícia pelo 190. No local, a guarnição encontrou os artefatos e mais um relógio no interior do objeto, e de imediato acionaram a equipe Marte. De acordo com o cabo, possivelmente o material foi roubado de alguma embarcação que atraca na orla do Amarelinho, e escondida debaixo do lanche, possivelmente para ser utilizado em outra ocasião. Toda a praça foi isolada para evitar que algo acontecesse aos moradores e curiosos que se encontravam no local. Após a longa espera, a caixa foi destruída pela equipe. Um forte estrondo, seguido de grande liberação de fumaça foi percebido após a explosão. Alguns sinalizadores, também acenderam e explodiram após o estrondo maior. Um robô foi usado no primeiro contato da equipe antibomba com a caixa que continha os explosivos.

ZOONOSES

Um robô da equipe Marte foi utilizado para examinar o conteúdo da caixa suspeita no local

Obra irregular na Compensa é multada e interditada Auto de apreensão, multa e interdição. Essas foram as notificações feitas numa obra irregular na Compensa, nas proximidades da Prefeitura de Manaus, no feriadão, decorrentes da ação fiscal do Instituto Municipal de Ordem Social e Planejamento Urbano (Implurb). A construção é de um prédio de três andares, que estava embargada desde o dia 28 de agosto. O proprietário compareceu ao órgão no dia 29 de agosto, tomando ciência da necessidade de regularizar a empreitada, dando entrada no processo de aprovação e licença para emissão do alvará de construção. O processo foi formalizado em setembro, mas o dono não deu continuidade à regularização, seguindo a obra só com a simples solicitação de aprovação, o que não é possível. Dia 3 de outubro, a construção irregular recebeu nova notificação para cumprir os termos anteriores, de embargo, o que não ocorreu, levando a fiscalização a

multar, interditar e apreender ferramentas no local. No prédio foram apreendidas 10 telhas galvanizadas, cinco sacos de cimento, uma pia sanitária, cinco peças de

PROBLEMA

O processo foi formalizado em setembro, mas o dono não deu continuidade à regularização, seguindo a obra só com a simples solicitação de aprovação, o que não é possível

andaime, pás, terçados, marretas, martelos, carrinho de mão, entre outros itens, que ficam no depósito do Implurb até sua retirada pelo proprietário, mediante pagamento de taxas e da multa, ou que no prazo de cinco dias podem ir a leilão, segundo o Plano Diretor de Manaus. SEMCOM/DIVULGAÇÃO

Robô é utilizado na operação De acordo com o tenente coronel, Allen Ono, o robô se aproximou da caixa e, por meio da câmera, identificou os objetos. “Foi visualizado por meio dela que havia sinalizadores fluviais e vários objetos que pareciam ser bombas de pesca improvisada, que é proibida e de manipulação perigosa”, salientou. Em seguida foi feita uma cova próximo ao local em que a caixa foi

abandonada, onde foram acrescentados os explosivos abandonados, cobertos com sacos cheios de areia. “Não convinha levar para outro local para destruição. Colocamos o objeto suspeito num local seguro e acrescentamos contra carga pra destruir artefato”, explicou. O robô importado usado na operação custa cerca de R$ 800 mil, e foi enviado pela Secretaria Especial

de Grandes Eventos, em Brasília, para as cidades, que irão sediar os jogos da Copa do Mundo em 2014. “No Amazonas temos dois desses robôs enviados da secretaria para mobiliar o esquadrão de bomba. Já os usamos em duas outras ocorrências. Há 2 anos temos tido treinamento que foi otimizado com a chegada do equipamento”, afirmou o tenente coronel, Allen Ono. Dono do imóvel continuou obras ainda sem autorização formal


Dia a dia

MANAUS, TERÇA-FEIRA, 19 DE NOVEMBRO DE 2013

SAÚDE

Cosems e Susam fazem congresso de secretários Saúde (Coap) - e as várias ferramentas que estão disponíveis para a execução das ações de planejamento e gestão em saúde. “O novo modelo de Redes de Atenção à Saúde, que está em fase de implantação no Estado; as novas etapas do programa Mais Médicos, do governo federal; o programa de Telessaúde; e o Sistema de Distribuição de Medicamentos, também são tópicos que integram a programação e estão correlacionados com a qualidade da gestão hospitalar e da Atenção Básica”, frisou Alecrim. A implementação do Sistema de Regulação Regional, o Manual de Tratamento Fora de Domicílio; a implantação das Ouvidorias municipais do SUS e o cronograma de entrega de insumos e equipamentos aos municípios também serão abordados em palestras proferidas ao longo dos cinco dias de evento. “É uma oportunidade para que os gestores troquem experiências, tirem suas dúvidas e façam suas sugestões para o fortalecimento da gestão em Saúde no Estado”, destacou Wilson Alecrim. ALEX PAZUELLO/AGECOM

O Conselho de Secretários Municipais de Saúde do Amazonas (CosemsAM), em parceria com a Secretaria de Estado da Saúde (Susam), iniciou ontem o 2º Congresso dos Secretários Municipais de Saúde do Amazonas e o 5º Encontro de Gestores de Saúde do Estado. O evento, que acontece no município de Rio Preto da Eva (distante 80 quilômetros de Manaus), se estenderá até sexta-feira (22). Além da presença do secretário estadual de Saúde, Wilson Alecrim, e de representantes da direção local do Cosems, irão participar técnicos do Ministério da Saúde e do Conselho Nacional de Secretários Municipais de Saúde (Conasems). De acordo com o secretário Wilson Alecrim, diretores de todos os hospitais do interior e secretários de Saúde dos 62 municípios do Estado estão reunidos nestes cinco dias, para discutir, entre outros temas, as mais recentes legislações do Sistema Único de Saúde – como é o caso do decreto 7.508/2011, que trata do Contrato Organizativo da Ação Pública de

Mais unidades nos bairros O programa Manaus Saúde Itinerante iniciou a oferta de serviços no bairro Japiim, Zona Sul, e no ramal do Brasileirinho, Zona Leste. No Japiim, a partir desta segunda-feira, dia 18, o atendimento está sendo realizado por uma Unidade Móvel de Saúde da Mulher, que disponibiliza exames de mamografia e ultrassonografia. A unidade móvel está instalada em frente ao Centro Municipal de Educação Infantil Violeta Branca (travessa S - Oito, s/nº), onde realizará atendimento até a próxima sexta-feira (22). Já no ramal do Brasileirinho (quilômetro 10), o programa Manaus Saúde Itinerante oferece atendimento com uma unidade móvel de Saúde Odontológica e uma unidade móvel de Saúde Médico-Laboratorial. As duas unidades móveis estarão atendendo até o dia 29 de novembro, com a oferta de serviços de odontologia, preventivo, consultas com médico generalista e pediatra, posto de coleta de exames laboratorial e vacinação. O atendimento é realizado de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h. O público prioritário para a realização do preventivo são mulheres com idade entre 25 e 64 anos. As mulheres com menos de 25 anos e que já iniciaram a vida sexual também podem realizar o exame nas unidades de saúde e nas unidades móveis.

Segundo Wilson Alecrim, municípios terão representação

RODEMARQUES ABREU/SEMSA

População é orientada sobre o defeso na região Governo lança campanha voltada também para os consumidores a respeito das espécies protegidas por lei IPAAM/DIVULGAÇÃO

GESTÃO

C3

Ação realizada na campanha de 2012 com feirantes de pescado da Feira da Manaus Moderna

O

governo do Estado, por meio do Instituto de Proteção Ambiental do Amazonas (Ipaam), lança, na próxima sexta-feira (22), a partir das 9h, a sexta edição da campanha “Pescador Fique Legal”, no Terminal Pesqueiro de Manaus. A iniciativa, como nos anos anteriores, tem o objetivo de orientar pescadores, comerciantes e consumidores a cumprirem o período de defeso da matrinxã, pirapitinga, sardinha, pacu, aruanã e mapará, espécies cuja pesca está proibida desde a última sexta-feira (15). As seis espécies passam a ter a captura, transporte, comercialização e beneficiamento proibidos por lei até 15 de março de 2013 em toda a bacia hidrográfica do Amazonas. Este é o chamado período do “defeso”, estabelecido mediante pesquisas científicas, e compreende a fase de reprodução

das espécies, momento no qual a pesca é extremamente prejudicial. A punição para quem descumprir o período é baseada na Lei de Crimes Ambientais, com penalidades que vão desde advertência até a aplicação de multas. A campanha “Pescador Fique Legal” é realizada sob a coordenação do Ipaam com o apoio do Batalhão Ambiental, Ibama, Ministério da Pesca, Sindicato dos Armadores de Pesca, Secretaria Municipal de Produção e Abastecimento de Manaus (Sempab) e órgãos ambientais de meio ambiente ligados às prefeituras dos municípios amazonenses. “O que a gente quer é preservar o nosso estoque pesqueiro e a capacidade de reprodução. As pessoas precisam cumprir rigorosamente esse período que está sendo indicado. A gente quer antes mesmo é fazer a campanha educativa, antes de qualquer

ação punitiva”, disse o presidente do Ipaam, Antônio Stroski. Folhetos e cartazes foram produzidos pela coordenação do “Pescador Fique Legal” para distribuição em todo o Estado com o objetivo de ajudar a fixar a mensagem de não consumo das espécies proibidas pela população e de proibição de pesca e venda dessas espécies pelos pescadores, comerciantes e feirantes. A campanha ocorre durante todo o período do defeso. As abordagens ocorrerão nos centros de abastecimento de peixes, mercados, feiras, terminais pesqueiros e demais locais utilizados para o escoamento do produto. Quanto ao interior do Estado, secretários de Meio Ambiente receberam o material na segunda-feira passada e levaram para seus municípios para fazerem a mobilização local.

EDUCAÇÃO

Programa auxilia alfabetização

Raimundo Guimarães e seus alunos: um projeto inovador

As novas tecnologias têm transformado o dia a dia da população mundial. E porque não utilizá-la a serviço da educação? Essa indagação levou o professor Raimundo Guimarães a desenvolver o soſtware “Alfa+Legal”, que por meio de computador tem auxiliado na alfabetização de mais de 100 crianças da Escola Municipal Themístocles Gadelha, no bairro Jorge Teixeira. A ideia surgiu após o professor, que leciona para estudantes de 5º ano do ensino fundamental, perceber que muitos

alunos chegavam ao ensino médio sem saber ler perfeitamente. Como é universitário do curso de desenvolvimento de sistemas, desenvolveu o programa para servir de trabalho de conclusão de curso. “Como professor me deparei com muitos alunos analfabetos funcionais e uni o útil ao agradável. Juntei a monografia que preciso apresentar com o amor à educação e criei esse programa que ajuda as crianças a terem uma alfabetização melhor”, explicou. O “Alfa+Legal” é utilizado

por alunos de 1º a 3º ano e as aulas são no Telecentro da escola. O programa usa imagens animadas e tem sete atividades, que vão desde fazer a relação das palavras com as figuras e caça palavra até a construção de frases. “Existem muitos soſtwares na internet, mas esse tem um olhar educacional e regional. Nesse as crianças não perdem, elas jogam até conseguir completar a atividade”, disse a professora do Telecentro Rosiele Guimarães, que é esposa do idealizador do programa.

Incentivo Segundo a professora Nazaré Arruda, do 1º ano, o soſtware tem despertado o interesse dos alunos pelo aprendizado da leitura. Ela conta que toda terça-feira as crianças vão para o Telecentro e nesse dia dificilmente alguém falta aula. “A principal característica que posso destacar desse software é que além de auxiliar no aprendizado da leitura ele desenvolve o raciocínio lógico. Eles ficam ansiosos para chegar terçafeira”, diz Nazaré.


C4

Dia a dia

MANAUS, TERÇA-FEIRA, 19 DE NOVEMBRO DE 2013

Adolescente é suspeito de matar jovem de 13 anos

Segundo testemunhas, rapaz brincava com revólver do pai quando a arma disparou, atingindo sua namorada na testa ERLON RODRIGUES/AGORA

JUCÉLIO PAIVA Equipe do AGORA

A

adolescente Ana Valessa Maria Farias, 13, morreu depois de ser atingida com um tiro na testa, supostamente efetuado pelo próprio namorado, um adolescente de 16 anos, que está foragido. O crime aconteceu na noite de anteontem (17), dentro da casa do adolescente, na rua 5, São José 2, Zona Leste da capital. De acordo com a polícia, no momento do crime o adolescente brincava com a arma do pai, um revólver calibre 38, dentro de um dos quartos da casa, na presença da namorada e da irmã dela, de 16 anos, além de uma prima de ambas, de 8 anos de idade. A irmã da vítima, que estava dentro da casa no momento do disparo, contou que o adolescente exibia a arma do pai para elas. “Ele ficava exibindo a arma. Mostrou a primeira vez, pedimos para ele guardar porque era perigoso. Depois de um tempo ele trouxe a arma novamente, disse que estava sem bala, mas de repente ouvi um tiro. Minha irmã caiu nos meus braços com o rosto cheio

de sangue”, disse. Assustado com a situação, o adolescente fugiu da casa e pediu ajuda ao pai, que levou a jovem ao hospital e prontosocorro João Lúcio, na Zona Leste, mas a vítima morreu minutos depois de dar entrada no centro cirúrgico.

FATALIDADE

De acordo com a polícia, no momento do crime o adolescente brincava com a arma do pai, um revólver calibre 38, dentro de um dos quartos. A arma disparou e a bala atingiu a garota Após prestar socorro, o pai do adolescente identificado apenas como sendo o feirante Rosinaldo, 40, fugiu com o filho e agora é considerado foragido pela polícia. Segundo a Polícia Civil, o caso será investigado pela Delegacia Especializada de Apuração de Atos Infracionais (DEAAI), que deve notificar pai e filho ainda esta semana para prestar esclarecimento sobre o caso.

ZONA OESTE REPRODUÇÃO

Ana Valessa foi atingida na testa na brincadeira do namorado com a arma do pai, que fugiu com o jovem após socorrer a garota

CICOM

Policial é acusado de agressão

Mezaque de Azevedo Sampaio foi atacado pelos dois irmãos

Irmãos teriam estrangulado amigo sob efeito de drogas Dois irmãos adolescentes - de 12 e de 17 anos, foram apreendidos na noite de anteontem (17) pela Polícia Militar, acusados de terem estrangulado e matado o amigo Mezaque de Azevedo Sampaio, 16, durante uma confusão ocorrida no campo de futebol do “Brilhante”, na rua Gilberto Mestrinho, bairro Compensa 2, Zona Oeste. De acordo com testemunhas do crime, a vítima havia ido ao campo com um grupo de amigos para jogar futebol, quando encontrou outros adolescentes, entre ele os dois irmãos suspeitos do crime, consumindo drogas nas arquibancadas. Segundo relatos do irmão da vítima, de 20 anos, que pediu para não ter o nome divulgado, o irmão sentou nas arquibancadas e os suspeitos, já sob efeito de entorpecentes, se aproximaram e tentaram tomar seu cordão. “Meu irmão usava um cordão que nossa mãe havia dado de presente e que ele guardava com o maior ciúme. O menor de 12 anos, que é conhecido

como ‘Macaquinho’, segurou meu irmão, e o outro de 16 anos deu um ‘mata leão’ no pescoço dele, que deslocou o pescoço e caiu da arquibancada”, disse. Depois de cometerem o crime, os dois adolescentes infratores, que são filhos de um casal de pastores da Igreja Evangélica Pentecostal, ainda tentaram fugir, mas foram apreendidos pelos policiais militares da 8ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom). A vítima ainda chegou a ser socorrida e levada ao Serviço de Pronto Atendimento (SPA) Joventina Dias, no bairro Compensa, mas não resistiu aos ferimentos e morreu no centro cirúrgico. De acordo com informações da assessoria de imprensa da Polícia Civil, apenas o adolescente de 16 anos foi apresentado na Delegacia Especializada em Apuração de Atos Infracionais (Deaai), onde foi autuado pelo ato infracional de homicídio qualificado e já está à disposição da Justiça para cumprir medidas socioeducativas. (JP)

Depois de ter sido preso acusado de tráfico de drogas, o guarda municipal Yuri Andes Bentes, 25, denunciou uma suposta agressão de um policial militar da 10ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom) durante a abordagem. A agressão teria ocorrido logo após a prisão do acusado, na noite de anteontem (17), depois de ele ter sido capturado com seis porções de cocaína, dois tabletes de maconha e 15 cigarros da mesma substância que estavam escondidos próximo ao freio de mão do carro do guarda municipal, um Peugeot, de cor azul e placas OAJ-7137, durante a operação “Jurupari” desencadeada pelas polícias Civil e Militar no bairro Alvorada. O guarda municipal acusa o PM, que não teve o nome divulgado, de tê-lo agredido com uma joelhada, no momento em que era conduzido ao 10º Distrito Integrado de Polícia (DIP). O titular do distrito, Paulo Benelli, informou que o policial foi encaminhado à corregedoria da Polícia Militar na Secretaria de Segurança Pública (SSP), para que fosse apurada a suposta agressão. Já o guarda municipal foi autuado por tráfico de drogas e apetrechos, em seguida encaminhado à cadeia pública Desembargador Raimundo Vidal Pessoa, Centro. (JP)

NOVA CONQUISTA

Ex-presidiário é executado a tiros O ex-presidiário Rubens Cabral de Souza, 23, foi executado com sete tiros na madrugada de ontem, em frente à Igreja Adventista do Sétimo Dia, localizada na rua Humaitá, bairro Nova Conquista, Zona Leste. A autoria e motivação do crime ainda são desconhecidas pela Polícia Civil. De acordo com relatos de testemunhas do crime, os disparos atingiram peito, braços e costas da vítima, que depois de ser alvejada ainda levou uma paulada na cabeça. Na noite de domingo (16), o expresidiário havia sido detido pelos policiais da 14ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom), acusado de roubar a bolsa de uma mulher, mas foi liberado por falta de provas. De acordo com uma conhecida do ex-presidiário morto, uma faxineira de 35 anos, que pediu para não ter o nome divulgado, ainda durante a noite de domingo, o ex-presidiário teria furado a golpes de faca um morador do bairro. “Sabemos que três homens cor-

reram atrás dele e efetuaram os tiros. Não sabemos se o motivo foi por conta do roubo da bolsa de uma moradora do bairro ou pela briga que ele arrumou com outro morador do bairro”, disse. Conforme os moradores, o

CRIME

Na noite de domingo, o ex-presidiário Rubens Cabral de Souza havia sido detido sob a acusação de roubar a bolsa de uma mulher, mas foi liberado pela polícia por falta de provas ex-presidiário residia com a família no município de Rio Preto da Eva, e havia chegado na tarde de domingo ao bairro Nova Conquista. Ele respondia a dois processos na justiça pelos crimes de roubo e porte ilegal de arma de fogo. A Delegacia de Homicídios

e Sequestros (DEHS) abriu inquérito para investigar o caso, mas até o fechamento desta edição não havia informações sobre os suspeitos. Outra morte O autônomo Eduardo Góes da Silva, 40, morreu após ser atingido com uma facada no abdômen, depois de se aproximar para olhar uma briga de um casal nas proximidades da casa onde morava, localizada na rua Aristófones Antony, no bairro Petrópolis, Zona Sul. De acordo com a irmã da vitima, a cozinheira Cleo Góes, 40, o irmão havia presenciado a briga de um casal que até o momento não foi identificado pela polícia, e ao se aproximar para ver a briga, acabou sendo atingido com um golpe do abdômen, efetuado pelo homem que tentava esfaquear sua companheira. A DEHS investiga o crime, mas até o fechamento desta edição não tinha nenhuma informação sobre os suspeitos do crime. ERLON RODRIGUES/AGORA

Marcas de sangue no local onde Rubens Cabral foi atingido pelos tiros: execução violenta


Dia a dia

MANAUS, TERÇA-FEIRA, 19 DE NOVEMBRO DE 2013

Policiais fazem curso de combate ao tráfico humano

NOVEMBRO AZUL

Prevenção é principal arma contra o câncer recomendada. Quando mais falarmos a respeito, mais vidas estaremos alcançando”, disse. De acordo com o médico, o tumor de próstata, mesmo os mais agressivos, tem, de forma geral, uma lenta evolução. “Por isso a importância do exame anual, porque permite que o câncer seja diagnosticado ainda no seu estágio inicial, com boas chances de tratamento e cura”, afirmou Anoar. O médico destacou ainda que, desde a primeira cirurgia de câncer de próstata realizada por ele no Amazonas, em 1996, na Fundação Centro de Controle de Oncologia do Estado do Amazonas (FCecon), houve grandes avanços, tanto na prevenção como nas tecnologias existentes para tratar o câncer. Segundo Anoar Samad, quando o câncer de próstata é diagnosticado e tratado no início, os riscos de mortalidade são reduzidos, tendo chance de cura para até 90% dos casos.

ROBERTO CARLOS/AGECOM

Estado é o primeiro a receber o treinamento, promovido pela Secretaria Adjunta do programa Ronda no Bairro em parceria com embaixada dos EUA

O curso que termina na próxima sexta-feira tem importância para o Amazonas por conta de sua grande área de fronteira TIAGO CORREA/DIVULGAÇÃO

O tumor de próstata demora em média até 2 anos para duplicar de tamanho, fator que torna a prevenção contra esse tipo de câncer fundamental para salvar vidas, principalmente, para homens a partir dos 50 anos. O alerta foi feito ontem pelo membro-fundador da Sociedade Brasileira de Urologia no Amazonas (SBU-AM), o médico urologista Anoar Samad, durante sessão na Câmara Municipal de Manaus (CMM), sobre o Novembro Azul, mês dedicado à prevenção ao câncer de próstata. Ele destaca a necessidade de campanhas de conscientização para alertar os homens a respeito da prevenção ao câncer de próstata, que consiste no toque retal e no exame de sangue PSA. “Há 10 anos, o percentual de homens que faziam o exame de próstata não chegava a 10%. Essa realidade já mudou bastante, alcançando 50% dos homens na faixa etária

Em sessão na CMM, médico alertou sobre a doença

C5

Q

uarenta policiais militares e civis do Amazonas participam até sexta-feira (22) de um curso de combate e assistência a vítimas de tráfico humano. O Amazonas é o primeiro Estado no Brasil a receber esse curso, promovido pela Secretaria Adjunta do programa Ronda no Bairro, em parceria com a Seção de Assuntos Internacionais de Narcóticos, Justiças e Segurança da Embaixada dos Estados Unidos. O secretário executivo adjunto do Ronda no Bairro, coronel Amadeu Soares, destacou a importância do curso, principalmente pelo fato do Amazonas

possuir uma grande área de fronteira e pelo número de turistas estrangeiros que visitam o Estado ter crescido nos últimos anos. “A ideia é formar multiplicadores, para trabalharmos tanto na capital, quanto na área de fronteira. Além de qualificar o policial, de forma que ele possa atender a ocorrência, e saiba orientar as pessoas sobre esse assunto”. O delegado-geral da Polícia Civil, Josué Rocha, destacou a importância do trabalho em conjunto das polícias, principalmente por esse ser um tipo de crime de difícil identificação. “Esse trabalho integrado é essencial, porque

esse tipo de crime é pautado na sutileza, na discrição. Nós quase não temos estatística sobre o tráfico de humanos no Amazonas”, afirmou. Todos os palestrantes são policiais da Polícia de Miami e do FBI. Entre os assuntos abortados estão: investigação internacional, princípio de assistência a vítima e planejamento operacional de investigação, entre outros. De acordo com Walter Kerr, representante da Embaixada dos Estados Unidos no Brasil, a ideia do curso é trocar experiências entre os dois países com relação a esse tipo de crime que, segundo ele, afeta todo o mundo atualmente.

“Esse é um problema global. Não é algo que afete apenas o Brasil ou os Estados Unidos e vamos poder trocar impressões e saber quais os pontos em comum entre os dois países, no que diz respeito ao tráfico de humanos. Os Estados Unidos têm muita experiência no combate a esse tipo de crime, então esse evento será importante”. Walter Kerr destaca que entre as semelhanças dos dois países nesse assunto está o fato de ambos serem porta de saída para vítimas do crime de tráfico humano, bem como também locais onde esse crime é praticado.


C6

País

MANAUS, TERÇA-FEIRA, 19 DE NOVEMBRO DE 2013

Interpol inclui Pizzolato na lista negra de procurados A

Interpol emitiu no último sábado, 16, um alerta internacional de que existe um mandado de prisão emitido contra Henrique Pizzolato no país. O ex-diretor de Marketing do Banco do Brasil, condenado a mais de 12 anos de prisão por envolvimento no escândalo do mensalão, está foragido. O aviso, segundo informou a assessoria de imprensa da Polícia Federal, é chamado “difusão vermelha” e significa que ele é procurado por todos os países membros da Interpol. Dependendo do país em que o procurado se encontra, a “difusão vermelha” tem validade de um mandado de prisão, enquanto que outras nações pedem a validação do mandado por uma autoridade judicial local. Pizzolato teria deixado o Brasil há 45 dias rumo à Itália. Ele próprio comunicou a fuga, divulgada em carta no sábado, 16, por seu advogado. A PF não confirma se ele está de fato em território italiano e também não confirma nenhuma outra informação sobre o seu paradeiro. A Polícia Federal informou ainda que Pizzolato é considerado foragido pela corporação e que seu nome consta no Sistema Nacional de Procurados e Impe-

didos (Sinpi), o que, em tese, o impediria de deixar o país. A última atualização sobre Pizzolato no sistema é de sexta-feira, 15. Neste dia, o presidente do Supremo Tribunal Federal, Joaquim Barbosa, expediu mandados de prisão para 12 condenados, dentre eles Pizzolato, o ex-ministro José Dirceu e o deputado federal licenciado e ex-presidente do PT José Genoino. O ex-diretor de

FORAGIDO

A Polícia Federal informou que Pizzolato é considerado foragido pela corporação e que seu nome consta no Sistema Nacional de Procurados e Impedidos o que, em tese, o impediria de deixar o país marketing do Banco do Brasil foi o único dessa lista que não se entregou às autoridades. O Ministério da Justiça analisa o caso para tentar pedir formalmente a extradição do ex-diretor. A tarefa é considerada difícil, já que Pizzolato tem cidadania italiana. Em 1989, Brasil e Itália firmaram um tratado de extradição que estabelece que o país

AG BRASIL

Polícia emitiu o aviso “difusão vermelha”, um código de busca internacional para o mensaleiro foragido, Henrique Pizzolato não será obrigado a entregar um nacional. ‘Caso Battisti’ Parlamentares italianos começam a avaliar como poderão condicionar uma investigação sobre o ex-diretor do Banco do Brasil, Henrique Pizzolato, e mesmo sua eventual extradição ao “caso de Cesare Battisti”, foragido da Justiça daquele país que vive como exilado no Brasil. Fontes governamentais em Roma confirmaram que a fuga de Pizzolato já entrou na agenda política e que a tendência é de que o governo dê uma resposta ao Brasil também com um “forte cunho político”. Poucos temas, no país, unem partidos com posições radicalmente opostas como o caso de Battisti. Entre a elite política italiana, a esperança é que a proteção dada no Brasil ao italiano possa um dia ser reconsiderada. Membros do Partido Democrático e do Partido do Povo da Liberdade, de Silvio Berlusconi, estariam desenhando um projeto para ser apresentado nos próximos dias para condicionar qualquer ação da Itália a uma reavaliação do asilo dado pelo Brasil a Battisti, condenado na Itália por assassinato.

LEILÃO DIVULGAÇÃO

Pizzolato fugiu, há 45 dias, supostamente para a Itália e é considerado pela PF como foragido

ENADE

Sai lista dos locais das provas

O aeroporto de Confins, na região metropolitana de Belo Horizonte, também será leiloado

Consórcios disputam Galeão e Confins Cinco consórcios apresentaram ontem a documentação para participar dos leilões dos aeroportos de Galeão, no Rio, e de Confins, em Minas Gerais. Era esperada a participação de seis consórcios. Segundo uma fonte, o consórcio formado por Fidens, Galvão e ADC/ HAS (operadora do aeroporto de Houston) teria desistido da disputa por desentendimento entre os sócios. Assim, estão no páreo os seguintes grupos: Construtora Queiroz Galvão e Ferrovial, espanhola operadora de Heathrow; Carioca Engenharia com ADP (Paris)/Schiphol (Amsterdã); Ecorodovias e Invepar com Fraport (operadora de Frankfurt); Odebrecht e Changi (operadora de Cingapura); CCR com Fluhafen (operadora de Munique e Zurique). A Invepar, que administra Cumbica e tem fundos de pensão como controladores (Previ, Petros, Funcef) mais a OAS -, ficou com 14,99% do consórcio que disputará apenas Galeão. Ecorodovias

e Fraport ficaram com 42,5% cada. A empresa, que já é controladora do aeroporto de Guarulhos só pode participar deste novo leilão como minoritária. Na portaria na BM&F Bovespa, onde foram entregues

DESISTÊNCIA

Era esperada a participação de seis consórcios. O consórcio formado por Fidens, Galvão e ADC/HAS (operadora do aeroporto de Houston) teria desistido da disputa por desentendimento entre os sócios os documentos, a Odebrecht Transports, em parceria com a Changi, de Cingapura, confirmou que concorrerá nas licitações dos dois aeroportos. ‘Privatizações de aeroportos atraem mais que as de rodovia’

Ontem, a ministra-chefe da Casa Civil, Gleisi Hoffmann, afirmou que as privatizações dos terminais devem atrair mais investidores que as de rodovias. Em entrevista à agência Reuters, Gleisi destacou que os próximos leilões de rodovias foram marcados para depois da disputa pelos aeroportos justamente para que os mesmos grupos possam participar de ambos os processos. “Eles (investidores) avaliam como muito atraentes as concessões dos aeroportos. Nós teremos dois vencedores nos aeroportos, mas existem muito mais ‘players’ do que isso. Esses dois ganhadores vão avaliar se têm condições de participar dos próximos leilões (de rodovias), mas quem perdeu com certeza vai continuar (na disputa pelas estradas)”, avaliou a ministra. O certame está marcado para ocorrer nesta sexta-feira, 22. O prazo para a entrega de documentação terminou ontem, às 16h.

Já está disponível o sistema de consulta aos locais de prova do Enade 2013 (Exame Nacional de Desempenho de Estudantes) no portal do Instituto de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep). É possível fazer a pesquisa pelo CPF, pelo nome do candidato ou pelo curso. As provas do Enade serão aplicadas no próximo domingo, 24, em todos os Estados e no Distrito Federal. Nesta edição, o exame vai avaliar o desempenho de 196.855 estudantes de bacharelado em agronomia, biomedicina, educação física, enfermagem, farmácia, fisioterapia, fonoaudiologia, medicina, medicina veterinária, nutrição, odontologia, serviço social e zootecnia. O exame também avaliará os cursos de tecnólogo em agronegócio, gestão hospitalar, gestão ambiental e radiologia. Participarão da prova estudantes dos cursos de bacharelado que tenham expectativa de conclusão do curso até julho de 2014; estudantes de bacharelado que tiverem concluído mais de 80% da carga horária mínima do currículo do curso até o fim do período de inscrição; estudantes de cursos superiores de tecnologia com expectativa de conclusão até dezembro de 2013; estudantes de cursos superiores de tecnologia que tiverem concluído mais de 75% da carga horária mínima do currículo até o fim do período de inscrição.

PROCLAMAÇÃO

Feriadão registra 2,2 mil acidentes com 101 mortes A operação Proclamação da República realizada pela Polícia Rodoviária Federal (PFR) no feriado prolongado de 15 de novembro constatou que o número de acidentes nas rodovias do país diminuiu. Na comparação com a Semana Santa, o número de acidentes diminuiu 12%, o número de mortos, 21% e o de feridos, 20%. Foram registrados 2.269 acidentes, com 101 mortos, contra 2.451 acidentes na Semana Santa, quando se registrou o número de 121 mortes. A operação ocorreu entre 0h de quinta, 14, e meia-noite de domingo, 17. Foram registrados 86 acidentes com mortes, sendo 24 deles com motocicletas (25 mortes em acidentes com motos). Os Estados com mais acidentes fatais foram Minas Gerais (10), Goiás (9) e Bahia (7). No geral, Minas Gerais

também liderou o ranking de mortes (17) nesse feriado, seguido por Goiás com 11 e Bahia com 9. De acordo com a PRF, foram fiscalizados excessos de velocidade, ultrapassagens proibidas, embriaguez ao volante, motocicletas, trânsito pelo acostamento, além do uso do cinto de segurança e da cadeirinha para bebês. A operação resultou em 119.198 veículos abordados e 99.263 pessoas fiscalizadas. Foram aplicados 29,5 mil testes de alcoolemia com resultados positivos para 690 motoristas, que receberam multa e tiveram a carteira de habilitação recolhida. Desses motoristas flagrados alcoolizados, 196 foram presos por apresentar índice igual ou superior a 0,3 miligramas por litro (mg/l) de álcool, por ar expelido dos pulmões. ABR

De acordo com a PRF, o número de acidentes caíram 12%


País

MANAUS, TERÇA-FEIRA, 19 DE NOVEMBRO DE 2013

C7

Agressão física não foi a causa da morte de Joaquim O

resultado de um laudo preliminar do Instituto Médico Legal (IML), divulgado ontem, não encontrou indícios de lesão externa no corpo do menino Joaquim Ponte Marques, 3, o que indica que ele não sofreu agressão física antes de morrer. A informação é do delegado Paulo Henrique Martins de Castro, da Delegacia de Investigações Gerais (DIG) de Ribeirão Preto (313 Km de São Paulo), que investiga o caso. “Saiu um lado do IML hoje que mostrou que não houve lesão externa [no corpo do Joaquim]. Mas se os outros laudos sugerirem outra coisa, vamos confrontar”, disse. O corpo de Joaquim foi encontrado em 10 de novembro por um pescador no rio Pardo, em Barretos (423 Km de São Paulo), depois de cinco dias desaparecido em Ribeirão Preto. A mãe, a psicóloga Natália Ponte, 29, e o padrasto da criança, Guilherme Longo, 28, moravam com a criança. Longo é apontado como o principal suspeito após um cão farejador da polícia ter indicado que ele e a criança teriam feito o mesmo trajeto até um córrego próximo da casa da família no dia do desaparecimento.

Outros exames A Polícia Civil aguarda ainda pelos exames de sangue, que pode comprovar a tese de que o menino morreu devido a uma overdose de insulina, e das vísceras da criança. Joaquim era diabético. A tese foi levantada depois que o padrasto disse em depoimento ter tomado 30 doses de insulina para conter uma abstinência de drogas no dia do desaparecimento. A caneta pela qual era aplicada a insulina na criança foi recolhida pela polícia para análise. O objetivo é saber se houve esse uso e se possivelmente a overdose tenha sido aplicada na criança. A comprovação da superdosagem, no entanto, pode não ser possível, já que o corpo de Joaquim foi encontrado dias depois e a insulina pode ter sido eliminada do organismo no período, segundo médicos especialistas no tratamento do diabetes. A insulina tende a ser metabolizada e eliminada com rapidez no organismo, mas em excesso pode causar coma e levar a morte. Ontem, a mãe de Joaquim prestou depoimento da DIG ontem. É o seu terceiro que ela faz desde a prisão. Longo também depôs ontem.

AE

Laudo do IML descarta a possibilidade de que o menino encontrado morto no interior de São Paulo tenha sido morto por agressão

A psicóloga Natália Ponte, mãe de Joaquim, chega para prestar novo depoimento para a polícia, ontem, na Delegacia de Investigações

QUADRILHA AE

Ronilson Rodrigues é apontado pelo Ministério Público-SP como “cabeça” da quadrilha

Fiscais alteraram valor de imóveis Ao menos 10 imóveis que estão em nome dos fiscais acusados de fraudar a arrecadação de impostos em São Paulo têm valor venal no sistema da prefeitura muito abaixo do praticado pelo mercado. O Ministério Público investiga se a quadrilha reduzia o valor venal dos edifícios para pagar menos Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU). Uma das maiores distorções observadas pelo Estado é de um imóvel localizado na Vila Mariana, na Zona Sul, que está em nome de Ronilson Rodrigues, apontado como líder da quadrilha. Com 372m2 de área construída, o apartamento, lançado em 2011, está avaliado em R$ 2 milhões, mas seu valor venal é de R$ 456.872 - 22,8% do total. Outros imóveis do mesmo empreendimento também estão registrados com valor inferior. O condomínio residencial de alto padrão foi feito pela construtora Mac, cuja sócia é a Cyrela, outro grande nome do setor imobiliário. Nesse empreendimento, a Mac pa-

gou 1,27% do ISS devido na obra após abatimentos com notas fiscais de mão de obra de terceiros. Com o desconto, a base de cálculo do tributo passou de R$ 21.378.660 para R$ 1.191.028. Segundo as investigações do MPE, esse era o método utilizado

RONILSON

Uma das maiores distorções observadas pelo Estado é de um imóvel localizado na Vila Mariana, na Zona Sul, que está em nome de Ronilson Rodrigues, apontado como líder da quadrilha pela quadrilha para desviar o imposto. De acordo com o advogado Roberto Podval, que representa a Mac, o imóvel foi vendido a preço de mercado, em um plantão imobiliário por um corretor. Podval afirma que a empresa não tem nenhum vínculo com o inves-

tigado. Não foi mencionado o valor que Rodrigues teria pago pelo imóvel. Transparência A Cyrela afirmou, por meio de sua assessoria, que “preza pela transparência e seriedade, atuando de acordo com as normas vigentes nas localidades em que está presente e desconhece qualquer irregularidade no empreendimento citado”. Rodrigues tem outro imóvel na Vila Mariana, de 306 m2 de área construída e R$ 444.725 de valor venal. No mercado, o imóvel é vendido por R$ 1,8 milhão. A mesma estratégia pode ter sido adotada em imóveis dos outros fiscais suspeitos. Outra grande distorção entre valor de mercado e valor venal é de um apartamento de luxo na rua Artur Prado, no Paraíso, Zona Sul, em nome do auditor Carlos Augusto di Lalo Leite do Amaral. Com 272 m2 de área construída, o imóvel é avaliado em R$ 2,2 milhões, mas a base de cálculo do imposto é de R$ 378.567 - cerca de 17% do valor real.


C8

Mundo

MANAUS, TERÇA-FEIRA, 19 DE NOVEMBRO DE 2013

Tornados varrem o Meio Oeste dos Estados Unidos Pelos cálculos de funcionários do Serviço Nacional de Meteorologia, vários tornados atingiram Illinois, Indiana e Kentucky. Autoridades registraram pelo menos seis mortes AFP

Passagem de uma tempestade pelo Meio Oeste americano provocou a destruição de milhares de imóveis e a morte de 6 pessoas

A

o menos seis pessoas morreram na cidade de Chicago e regiões do norte e centro dos Estados Unidos após a passagem de uma tempestade de rápida movimentação neste domingo. Funcionários do Serviço Nacional de Meteorologia confirmaram que vários tornados atingiram Illinois, Indiana e Kentucky. No total, houve mais de 50 relatos de tornados. Segundo o National Weather Service, serviço público meteorológico dos Estados Unidos, o mau tempo ameaça 26 Estados e mais de 100 milhões de pessoas, com rajadas de vento a 80 mph, segundo os metereologistas. Diversos moradores foram levados para abrigos. A comunidade de Washington no centro de Illinois também foi atingida. Um morador disse à rede CNN que seu bairro foi dizimado em questão de segun-

dos por algo que parecia ser um tornado. Fotos publicadas nas redes sociais mostram árvores arrancadas, carros revirados e pilhas maciças de detritos, enquanto outras testemunhas relatam cenas de espanto, com moradores gritando nas ruas. “Temos obviamente uma situação muito perigosa em nossas mãos e está só começando”, disse a jornalistas em teleconferência Laura Furgione, diretora interina do Serviço Nacional Meteorológico. Ajuda Prefeito da cidade de Peoria, em Illinois, Jim Ardis disse que sua cidade estava planejando ajudar vítimas da tempestade nas proximidades de Washington, onde um tornado atingiu o que ele descreveu como “uma área densamente povoada”. Aliás, o Estado de Illinois foi o mais afetado e teve bairros

inteiros destruídos. Segundo o Centro de Previsão de Tempestades americano, cerca de 80 alertas de tornados foram recebidos, assim como 358 relatos de ventos fortes e

MAU TEMPO

Segundo o National Weather Service, serviço público meteorológico dos EUA, o mau tempo ameaça 26 Estados e mais de 100 milhões de pessoas, com rajadas de vento a 80 mph, segundo os metereologistas 40 comunicações de chuvas de granizo. O serviço nacional de meteorologia confirmou que os ventos ficaram entre 266 e 322 Km/h em algumas regiões. Até a manhã de ontem, havia

confirmação de três pessoas mortas no condado de Massac, duas no condado de Washington e um na cidade de Washington, no condado de Tazewell, informou a funcionária do serviço de emergência de Illinois Patti Thompson.

Michelle Bachelet e Evelyn Matthei vão ao 2ª turno A ex-presidente socialista Michelle Bachelet e a ex-ministra do Trabalho, Evelyn Matthei, compartilharam a infância na base militar onde suas famílias viviam. Quase 55 anos depois, ambas se enfrentarão em um inédito segundo turno no dia 15 de dezembro, quando pela primeira vez duas mulheres se enfrentam no Chile, com projetos diametralmente distintos e uma história trágica comum que tem seus pais como protagonistas. Bachelet, 62, venceu Matthei, sua vizinha de infância, por 46% dos votos no primeiro turno do domingo, 17, frente a 25% da candidata de direita, de 60 anos, a que as pesquisas anteriores atribuíam 10 pontos a menos. Quando Michelle Bachelet tinha seis anos e Evelyn quatro, passeavam juntas de bicicleta pela base aérea de Cerro Moreno, na cidade de Antofagasta, no norte do Chile. Suas famílias viviam quase em frente e seus pais eram bons amigos, mas o golpe de Estado que instaurou a ditadura de Augusto Pinochet, em 1973, deu uma quinada em suas vidas. Alberto Bachelet foi preso nesse mesmo dia e torturado até a morte por se manter fiel ao governo de Salvador Allende. Fernando Matthei era o encarregado do local onde ficou preso e depois fez parte da junta militar do regime.

Corrida A corrida presidencial chilena tem “esses componentes tão dramáticos e incríveis, como o de duas crianças que brincaram juntas nos anos 50 depois que se transformaram em candidatas de lados opostos”, disse à AFP a jornalista Rocío Montes, coautora do livro ‘Filhas de General’, que aprofunda a história de ambas as candidatas. “Alguém dizia que um dos grandes mistérios da política

‘AMIGAS’

Quando a ex-presidente Michelle Bachelet tinha 6 anos e Evelyn 4, passeavam juntas de bicicleta pela base aérea de Cerro Moreno, na cidade de Antofagasta, no norte do Chile chilena é ver se isso é casual ou fruto da história”, acrescenta a autora. “Nos surpreendemos ao nos dar conta que não só eram conhecidos dentro da Força Aérea, não só eram amigos, mas que eram os melhores amigos dentro da instituição”, acrescenta Montes. Apesar de elas terem personalidades diferentes, a vida em uma base militar as leva a ter traços comuns, como o sentido de ordem, dever e o amor pelos estudos.

JORNAL REPRODU;CÃO

Feridos As autoridades não descartam que o número de feridos aumente significativamente à medida que se tenha informações mais precisas dos efeitos dos tornados e das tempestades. Além disso, várias estradas estão bloqueadas e mais de 300 mil pessoas se ficaram sem eletricidade. O tráfego também chegou a ser interrompido nos dois maiores aeroportos de Chicago e dezenas de milhares ficaram sem luz. O jogo entre Chicago Bears e Baltimore Ravens, da NFL, chegou a ser suspenso por duas horas. Homem abriu fogo contra redação do jornal “Libération”

RÚSSIA

Avião que caiu pertenceu a Rio Sul

AFP

O avião que caiu no domingo, 17, no aeroporto de Kazan, na Rússia, havia pertencido durante 23 anos a sete companhias aéreas, entre elas a Rio Sul, com a qual sofreu um grave acidente no Brasil em 2001, segundo a imprensa. A Boeing 737-500, procedente de Moscou, caiu no domingo à noite no aeroporto de Kazan e pegou fogo. Os 44 passageiros e seis membros da tripulação morreram no acidente. A aeronave da companhia russa Tatarstan, que fez o primeiro voo em 1990, teve como primeiro proprietário a companhia aérea francesa Euralair Horizons, que fechou em 2005, e a Air France durante 3 anos, segundo o site AirFleets.fr. Passou então ao controle da Uganda Airlines durante quase 5 anos e depois, durante 3 anos, pertenceu

ELEIÇÕES/CHILE

à brasileira Rio Sul. Depois passou pela romena Blue Air e pela Bulgaria Air, antes de ser adquirida pela russa Tatarstan. Em dezembro de 2001, quando pertencia à Rio Sul, sofreu um grave acidente durante o pouso no aeroporto de Belo Horizonte, que não provocou vítimas, segundo a agência Itar-Tass, que cita a imprensa brasileira. Mau tempo Sob forte chuva, o avião, que transportava 108 pessoas, tocou no solo antes da pista, subiu e voltou a cair brutalmente na pista, quando parte do trem de pouso quebrou. A aeronave deslizou sobre o motor situado na asa esquerda durante 1,7 Km antes de parar. O avião passou por profundos reparos antes de voltar a ser colocado em serviço.

Atirador francês também atacou banco e televisão A polícia da França afirma que um homem branco entre 35 e 45 anos foi o atirador responsável pelos ataques ontem ao prédio do jornal “Libération”, que feriu gravemente um assistente de fotógrafo, e ao banco Société Générale, em Paris. O criminoso ainda está foragido. As duas ações fizeram com que a polícia francesa colocasse nas ruas um efetivo reforçado para fazer o cerco ao atirador e garantisse a segurança de outros jornais e possíveis alvos. Os agentes afirmam que o homem também é o responsável pelo ataque à emissora BFMTV, na última sexta, 15. Segundo a polícia, o homem que atacou os dois prédios é de tipo branco europeu, com idade entre 35

Avião que caiu na Rússia havia dado pane em voo para o Brasil

e 45 anos, 1,70 metro e 1,80 metro, forte, calvo e com barba por fazer. Ele vestia um sobretudo cáqui, uma camisa verde, um colete e tênis verde e branco. O ataque dessa segunda começou por volta das 10h15 locais (7h15 em Brasília), quando o atirador abriu fogo com uma escopeta calibre 12 no saguão do prédio do “Libération”. Um ajudante de fotógrafo de 23 anos, que trabalharia em uma sessão de fotos para a revista “Next”, foi gravemente ferido e levado para o hospital. Duas horas depois, um homem com a mesma descrição disparou contra o prédio do Société Générale, no bairro parisiense de La Defense, sem deixar feridos. Após o incidente, ele fugiu.


Caderno D

Plateia MANAUS, TERÇA-FEIRA, 19 DE NOVEMBRO DE 2013

plateia@emtempo.com.br

(92) 309

A copa do

Da esquerda para direita: Chico Caruso, Angeli e Ziraldo estão entre os cartunistas de renome do país e devem com

Os cartunistas Ziraldo, Caruso, Angeli e Laerte estão cotados para form


D2

Plateia

>> Vitrine >> A TAP está convidando para o evento de apresentação do diretor-geral para a América do Sul, Mario Carvalho, e os diretores que operam em 15 países europeus, em mais de 80 voos entre Brasil e a Europa, no dia 21, às 9h, no Tropical Hotel. >> A degustação do novo cardápio do San Fusion Food, bem como da nova carta de bebidas, foi transferido para a próxima terça-feira, dia 26, a partir das 20h. >> No jantar de sexta, no Restaurante Bernardino’s, Waisser Botelho, Marília Zuazo e Murad Aziz, Waltinho Oliva Pinto, Guto Oliveira, James Cavalcanti. Noite ótima!

>> Portugal chic . A festa de fim de ano que esta coluna promoverá no dia 4 de dezembro servirá para reunir o society de Manaus, numa confraternização entrando no clima do alegre e iluminado mês de dezembro, com a temática Portugal. . O dinner de bufê será um festival gastronômico com delícias da culinária portuguesa e o sorteio de duas passagens para o novo voo da TAP via Paradise Turismo, no ano que vem. . A festa é para reunir o time chic da cidade, em mais uma daquelas noitadas elegantes e cheias de charme que esta coluna assina. Reservas pelos números, 8118-9717 ou 9985-1422.

Gize com um g Manau man

Fernando Co

fernando.emtempo@hotmail.com - ww

>> A senhora Auxiliadora Antony ganha festão na próxima sexta-feira no Le Rêve, comemorando 70 anos. Os filhos, Mauro, Márcio e Mayza estarão de anfitriões no evento. >> A querida Martha Moutinho Cruz estreia idade nova hoje. Cumprimentos da coluna. >> As vitrinas de Natal das lojas Top Internacional estão lindíssimas. Pavões identificam o charme da ambientação assinada pela equipe do competente Aluisio Gonçalves. Nota dez! >> Marília Oliveira está na lista das queridas aniversariantes de hoje.

Bruno Abrahim e Pamela Souza no evento de e-music que movimentou a cidade no fim de semana

Bianca Dias e Gla no Seven Music F

>> Filantropia antenada

. A badalada Thássia Naves, uma das blogueiras de moda mais influ do Blog da Thássia, criou uma maneira de fazer filantropia com gr . Explica-se: vai promover na próxima quarta-feira, em Uberlândia que terá como tema principal “Hand Made Love Made”, será uma a das crianças da Casa do Menor Nova Canaã. . A blogueira mineira, que recebeu no mês passado o Prêmio Mulhe mais de 500 peças de seu acervo pessoal, e também irá reunir peça de alguns parceiros do blog. Toda a renda arrecadada será revertid que hoje atende 160 crianças de 6 a 14 anos. Atitude moderna e c

RIO

MESSER DIVULGAÇÃO

Ator rec alta e se tratame

O ator Claudio 73 anos, teve al


MANAUS, TERÇA-FEIRA, 19 DE NOVEMBRO DE 2013

Gilson Peranzz convidado da J

Apresentação no Teatro Amazonas marca o lançamento do segundo GUSTAV CERVINKA Equipe EM TEMPO

E

stá marcado para amanhã o lançamento de um álbum da orquestra Amazonas Jazz Band, que é o segundo da história do grupo. Sob a regência do maestro Rui Carvalho, o concerto conta com as participações especiais dos músicos renomados Gilson Peranzzetta e Mauro Senise. A performance começa às 20h, no Teatro Amazonas, com entrada gratuita. O disco “Amazonas Jazz Band convida Gilson Peranzzetta e Mauro Senise” nasceu da ideia de fazer um registro simbólico da abertura do Festival Amazonas Jazz (FAJ) de 2012. “Mas pela qualidade do que foi tocado, pela qualidade da orquestra e do trabalho que fizeram com minhas músicas, em termos de execução dos arranjos, porque os músicos são muito bons, ouvimos um material cujo resultado estava acima da expectativa. Por isso, decidimos transformar esse registro em um CD oficial”, explica o próprio multinstrumentista carioca, Peranzzetta, que está em Manaus. Segundo o artista, o espetáculo será formatado apenas pela apresentação das músicas que estão no álbum. “O objetivo é promover o disco”, diz. Entre as canções estão “Obsession”, de Gilson Peranzzetta e Dory Caymmi, e “Love dance”, de Gilson, Ivan Lins e Paul Williams, sendo esta última uma das mais

do Edu Lobo, com participação do próprio e da Metrople Orchestra, de Amsterdam. “Além disso, tenho um álbum recém-gravado em duo com o Mauro (Senise), gravado numa igreja, no Rio”, conta. O maestro Rui Carvalho explica que o disco é a íntegra do show realizado em 2012. “A própria sequência do repertório foi respeitada nesse material, gravado em ‘take’ único. Um mês depois de gravarmos o show, fui a São Paulo, quando reencontrei o Gilson e o Clement Zular (responsável por todo o áudio do festival) e ali chegamos à conclusão de que

DISCO

Mixado e masterizado na capital paulista, o disco “Amazonas Jazz Band convida Gilson Peranzzetta e Mauro Senise” é um registro simbólico da abertura do Festival Amazonas de Jazz de 2012 seria interessante trabalhar o CD. Ressalto que tanto nós da orquestra quanto o Mauro e o Peranzzetta abrimos mão de direitos autorais”, afirma o maestro. Pianista, acordeonista, clarinetista, compositor, arranjador são algumas das habilidades do convidado Gilson Peranzzetta, cujo nome é conhecido internacionalmente, além de ser considerado um dos melhores arranjadores do

SERVIÇO

AMAZONAS JAZZ BAND – LANÇAME DE CD Rui Carvalho rege a Amazonas Jazz Band

Quando Aman Onde Teatr Quanto Entra

‘A mídia investe Na sua experiência musical em outros países, Peranzzetta tem leitura única sobre a realidade do cenário artístico no Brasil. “Infelizmente, a mídia nacional investe em música de baixa qualidade, o que impede o acesso do grande público a boa música

brasileira. N investimento ção, na boa m músicos é i maior. O q uma formaç teia com um musical”, opi Peranzzett em Manaus


D4

Plateia

Contagem regres o ‘Último Sertan

Já está tudo pronto para o show da Fábrica de Eventos, que reunirá trê

F

altando menos de uma semana para a festa sertaneja que vai agitar o sambódromo com três atrações nacionais, a estrutura de palco, camarotes e área VIP estão prontas para receber o público. No dia 23 de novembro, o Centro de Convenções abre os portões às 21h e no palco vão se revezar as duplas Matheus e Kauan, Humberto e Ronaldo e os campeões de vendas Jorge e Mateus. Para que a festa atenda às expectativas do manauense, todos os detalhes foram providenciados. Telões em alta definição serão instalados nas laterais do palco, além da utilização de modernos equipamentos de som, iluminação e imagem. “Colocaremos telões de LED em tamanho maior e vamos repetir o sucesso do Vila Mix”, anuncia Bete Dezembro, uma das coordenadoras do evento. Já os espaços reservados são diferenciais que fazem sucesso nos shows da Fábrica. Detalhe para a nova localização do bar no front stage da área VIP, que agora ficará posicionado no centro do setor. Com a mudança, uma das vantagens é a facilidade para

adquirir a bebida gelada sem precisar se deslocar até as laterais da área VIP. “Além do chope supergelado, também teremos cerveja para quem preferir”, adianta Bete. “A área VIP estará maior e bem mais estruturada para melhor receber o público”, complementa Daiana Pereira, também coordenadora do evento. Ainda no front stage, o público terá entrada e banheiros exclusivos, além de uma vista privilegiada para o palco e open bar de chope, cerveja, caipirinha, caipiroska, água e refrigerante até as 3h.

A grande atração será Jorge & Mateus

DJs nos intervalos Além das três duplas que serão as principais atrações da festa, o Camarote Stage contará com a presença dos DJs Sidney Almada e o paulista Duda Gabi. Nos intervalos, eles vão comandar o agito com um set list especial que mistura vários estilos. “O repertório depende do público e nós procuramos atender as expectativas, mas garanto um show diferente no palco com muita música dançante e um aparato que inclui iluminação especial tipo boate, laser colorido na pista, além de fumaça com efeito especial”, adianta Sidney.

SHOW

Autorização permite me A orginizacao do 2° Porão Rock Festival, que terá

evento lembram sobre a importância de o públi-

público que o Matanza está abrindo mão de um projeto

show e podem ser ridos no site www.in


MANAUS, TERÇA-FEIRA, 19 DE NOVEMBRO DE 2013

Canal 1 plateia@emtempo.com.br

Bate-reb

TV Tudo Hortelino... O gol do Luciano do Valle ainda é o melhor de todos, imbatível, mas em suas narrações ele continua trocando os nomes dos jogadores. Domingo, em Fluminense e São Paulo, Rafael Toloi virou Rafael Eloi e Rogério Ceni, Rodrigo Ceni. Temporada de caça Entre os nomes visados pelo canal Fox Sports, para compor a sua equipe de São Paulo, está o do Oscar Ulysses, narrador da rádio Globo. Edu Zebini, chefe da equipe, e ele já trabalharam juntos em outras ocasiões. Tempestade em copo d’água Muita gente estranhou o porquê do “Domingão do Faustão” não ter apresentado o quadro das “Vídeo Cassetadas” no último domingo. Isto se deu apenas pelo ajuste na programação da noite, diante da obrigatoriedade de exibir Fórmula 1 depois do “Sai de Baixo”. Simples assim. O “Domingão”, também excepcionalmente, foi ao ar em gravação. Ruivinho na Globo O jovem ator João Côrtes,

GLOBO/ZÉ PAULO CARDEAL

Câmera na mão Serginho Groisman gravou os bastidores da mensagem de fim de ano da Globo e mostra o trabalho no “Altas Horas” do dia 30. A campanha começa a ser exibida domingo que vem, no “Fantástico”. o ruivinho dos comerciais da Vivo, contracenando com Grazi Massafera, Fábio Porchat e Francciny Castro Haetinger, vai fazer seu primeiro trabalho na Globo. O nome dele foi confirmado no elenco de “O Assalto”, um dos episódios da série “Os Experientes”, com Beatriz Segall e Fernando Madeira. Direção do Fernando Meirelles. Côrtes também está em cartaz com o espetáculo “O Segredo dos Dois Pinóquios”, no Sesc Pompeia, em São Paulo. Bloqueio Ainda a propósito do “Tá tudo em casa”, o cantor Naldo Benny chegou a ser cogitado para agitar uma das festas que irão acontecer no

especial, mas, em virtude dos seus acertos com a Globo para o mesmo período, isso não foi possível. Na falta de tu, MC Bruninha foi confirmada para o lugar. Chacota A instabilidade na audiência do “Máquina da Fama”, no SBT, tem gerado até certo deboche junto ao pessoal da antiga equipe, o “Famoso Quem?”. Falam que o programa está naquela fase do “Boia ou Afunda” - numa referência a um quadro do “Domingo Legal”. Deu 5 no sábado. No fundo, no fundo, trocaram o que já era ruim por outro pior.

Resumo das novelas Sidney não aceita a ver-

Hilda se casa com Toni.

William não conta para

• O que é a v bado, com a tra Palmeiras e Boa Bandeirantes div ro lugar de audi Globo. Ambas co • ... Foi um jogo que a Band não t de fazer no ano • Virou um de a noite do último principais emisso busca de uma ex Henrique Pizzola do Mensalão... • ... Valesse a br “tá quente e tá f Band, pela ordem manhã estavam mas de consegui • Leo Bianch escala de aprese “Globo Esporte” e durante a ausênc Tiago Leifert, qu viço do “The Voic

C’est fin

O “Chaves”, salv tria em tantas ou ões, não está ma bola no SBT. Ao ontem ficou demo não tem a mesm antes. Depois da acabar com o jorna da noite, em vez sempre acontece ram escolher a s patroa e as crian Ficamos assim.

SBT

‘Casos

Uma mãe enfu tra no palco baten quem expulsou d do soube que er em boates. A plat mãe acaba send


D6

Plateia DIVULGAÇÃO

Programação de TV SBT 5h Jornal do SBT 6h Igreja Universal 7h Jornal do SBT 8h Bom Dia & Cia 9h50 Waisser 10h40 Programa Jogo da Gente 10h55 Programa A Voz da Esperança 11h35 Programa Agora 12h25 Programa Livre 13h15 As Visões da Raven 13h30 Maria do Bairro 14h30 Cuidado com o Anjo 15h30 A Madrasta

GLOBO 3h55 Telecurso - Profprf 4h10 Telecurso - Telecurso Tec 4h25 Telecurso - Química 4h45 Telecurso

Educação Básica Profissionalizante - Básico Ensino Médio Ensino Funda-

mental - Música 5h Globo Rural 5h30 Bom Dia Bras 6h30 Bom Dia Ama 7h30 Bom Dia Bras tação) 8h30 Mais Você 9h57 Bem Estar 10h40 Encontro co Bernardes 12h Amazonas TV 12h45 Globo Espor 13h20 Jornal Hoje 13h50 Vídeo Show 14h35 O Cravo E A 15h50 Série Americ 16h46 Globo Notíci 16h50 Malhação 17h20 Jóia Rara 18h10 Jornal do Am 18h30 Jornal Nacio 19h08 Além do Hor 20h06 Amor à Vida 21h Futebol 2013: Seleção - Brasil X C 23h Jornal da Globo 23h40 Programa do 1h15 Festival de Su 3h05 Festival de De

Amistoso tira exibição de “Tapas & Beijos” e “Pé na Cova”

Horóscopo

Cinema

GREGÓRIO QUEIROZ

REP

ÁRIES - 21/3 a 19/4 Ao ir ao fundo nas relações humanas, você encontrará algo de precioso nas pessoas. Dê mais atenção às outras pessoas do que a si mesmo, neste momento tão rico. TOURO - 20/4 a 20/5 Mantenha a sensibilidade aberta para com as pessoas, aceitando-as e sendo compassivo com elas. A importância das pessoas em sua vida se mostra em toda a sua extensão. GÊMEOS - 21/5 a 21/6 Você pode descobrir potenciais e talentos especiais, a serem devotados ao trabalho. Produzir algo de qualidade lhe realiza, e agora pode descobrir algo bom para realizar. CÂNCER - 22/6 a 22/7 Os sentimentos amorosos mais perenes e legítimos são despertados em você. Um encontro especial pode se dar por estes dias, com alguém que lhe seja muito significativo. LEÃO - 23/7 a 22/8 Um momento para cultivar a calma interior,

ESTREIA

Jogos Vorazes – Em Chamas: EUA. 14 anos. O filme começ


MANAUS, TERÇA-FEIRA, 19 DE NOVEMBRO DE 2013

::::: Mão na massa Manaus ganha, a partir desta semana, o Messer, que é um Núcleo de Gastronomia com a proposta de ensinar a cozinhar de maneira simples e imediata. Fincado no Parque 10, o espaço vai oferecer aulas práticas e pontuais para curiosos, estudantes e profissionais da área. O conteúdo será repassado por meio de oficinas, workshops e cursos de curta duração, ministrados por profissionais especializados. Renomados chefs da gastronomia local e convidados formam o time de profissionais do Messer, que terá a supervisão técnica da chef Natacha Fink, que é amazonense, mas vive no Rio de Janeiro, onde é proprietária de um dos mais badalados restaurantes cariocas, o Espírito Santa.

::::: Céu azul

A administração Aziz – por meio da Amazonastur – e a empresa portuguesa TAP realizam na próxima quinta-feira, uma coletiva de lançamento do voo que ligará o Amazonas ao continente europeu. Onde? No Tropical Hotel, às 9h. O diretor-geral para a América do Sul, Mário Carvalho, e mais os diretores da TAP que operam em 15 países europeus e a presidente da Amazonastur, Oreni Braga, estarão presentes.

Jander Vieir

jandervieira@hotmail.com @hotmail.com - www.jandervieira.co FOTOS:

Viva, Moniquita! Dona de um carisma ímpar e competência idem, a jornalista Mônica Santaella abriu o casarão do Parque 10 para celebrar mais uma troca de idade. No menu: um suculento barbacue, o vaivém da família e os amigos mais chegados da aniversariante fizeram da sessão parabéns a mais animada da temporada.

A aniversariante com o seu love, Louismar Bonates Jr.

::::: Castiçal O arcebispo de Manaus, dom Sérgio Eduardo Castriani, celebrará uma missa em Ação de Graças pelo aniversário de 11 anos do Parque Municipal do Idoso, às 9h de hoje. O evento contará, ainda, com a participação musical de Célio Costa, que acompanhará os cânticos com voz e violão. A diretorapresidente da FDT, Martha Moutinho Cruz, lembra que a missa é aberta a toda a população de Manaus e convida a sociedade a participar do evento religioso, no ginásio do PMI.

Dania Fraxe e Matheus Sa Jaime Sebben Filho e Ian

Luis Bonates e Gabriela Haddad com a aniversariante

Gabriel e Cláudia Barbos Lucas e Maria C

::::: Homenagem merecida

O radialista Joaquim Marinho irá tornar-se finalmente, de fato e de direito, Cidadão do Amazonas. A honraria com direito a título e diploma será entregue, às 11h, do próximo dia 4, no auditório da Aleam, por propositura do ex-deputado Evilázio Nascimento. A saudação ao homenageado será preferida pelo parlamentar Marcelo Ramos.

Mônica com os tios Henrique Fonseca – o festejado aniversariante de anteontem – e a sua elegante Socorro Coimbra

Luiz Fu G


D8

Plateia Jonathan NEMER

A vez do STAND UP

gospel PRISCILA CALDAS Especial EM TEMPO

Q

uem vai ao teatro geralmente tem a oportunidade de assistir a apresentações relacionadas a temas diversos como política, economia, violência, música, entre outros. Mas, pela primeira vez, Manaus recebe um show humorístico que tem 80% do conteúdo formatado no gênero gospel. A novidade chega à capital por meio do comediante Jonathan Nemer. Por telefone, o artista, que também é advogado, falou ao EM TEMPO sobre os preparativos para a sua estreia nos palcos locais; da repercussão, para ele assustadora, dos seus 3 anos de atuação; e do ingresso no segmento artístico. EM TEMPO - É a primeira vez que você vem a Manaus? JONATHAN NEMER – Não. Já estive na cidade duas vezes para participar de eventos evangélicos destinados ao público jovem. Mas essa será a primeira

será propício ao melhor aproveitamento. O teatro é especial e gera certa expectativa ao público. EM TEMPO – O que o público vai conferir no seu stand up? JN – Preparo um roteiro que é 80% composto por assuntos relacionados ao meio gospel. Apresento piadas, paródias e imitações. Não envolvo questões polêmicas, apenas faço críticas ao mundo cristão com piadas que levam o público a uma reflexão comportamental. Dentre as paródias apresento músicas de Gustavo Lima, dança do “Kuduro”, e o funk do MC Bola “Capa de revista”; no quadro de imitações, estão: Silvio Santos com voz de pastor evangélico, o ex-presidente Lula, e o apresentador Paulo Henrique Amorim. EM TEMPO – Qual o tempo de duração do show? JN – Entre 60 e 70 minutos. EM TEMPO – Você recebe críticas por apresentar um

difer Muit mas c com neste em 1 todo foi b é ev tende trans

EM acha JN calor tico. ver a res n lugar São Janei Não conh

EM sou cia i veze Man JN ano even teceu

EM TEMPO - 19 de novembro de 2013  

EM TEMPO - Caderno principal do jornal Amazonas EM TEMPO

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you