__MAIN_TEXT__
feature-image

Page 1

Associação Diacônica Luterana - A D L UTILIDADE PÚBLICA MUNICIPAL: LEI Nº853 DE 16/06/1980 UTILIDADE PÚBLICA ESTADUAL: LEI Nº 3517 DE 29/12/1982 CNPJ: 27.002.542/0001-50 _______________________________________________________________________________

Aos Membros da XXXIX Assembleia Geral Ordinária da ADL.

CONVOCACÃO De acordo com o Art. 18º, parágrafo 1º do Estatuto da Associação Diacônica Luterana – ADL, convoco-os/as para a XXXIX Assembleia Geral Ordinária a ser realizada no dia 03 de Março de 2018, com início às 10:00h (1ª chamada) e 10:30h (2ª chamada) na Sede da Associação Albergue Martim Lutero - AAML, situada à Rua José Ferreira dos Santos, 25 - Tabuazeiro - CEP: 29.043-665, Vitória - ES, com a seguinte ORDEM DO DIA:

1. Palavra do Presidente; 2. Relatório do Superintendente; 3. Prestação de Contas Tesouraria (Exercício 2017); 4. Parecer do Conselho Fiscal; 5. Homologação do Orçamento 2018; 6. Diversos.

Serra Pelada, 23 de Janeiro de 2018.

P. Emerson Lauvrs Presidente da ADL

______________________________________________________________________________________________ Av. Valdemiro Nitz, 285 - 29603-000 - Serra Pelada - ES - Telefax: (027) 3735 7060 e-mail: secretaria@adl.org.br ou financeiro@adl.org.br - website: www.adl.org..br


Associação Diacônica Luterana - A D L UTILIDADE PÚBLICA MUNICIPAL: LEI Nº853 DE 16/06/1980 UTILIDADE PÚBLICA ESTADUAL: LEI Nº 3517 DE 29/12/1982 CNPJ: 27.002.542/0001-50 _______________________________________________________________________________

Capítulo III Seção II Da Assembleia Geral Artigo 17º – A Assembleia Geral da ADL é composta por membros associados, e é constituída por pelo menos: a) Um (01) membro da Comunhão Diaconal da IECLB; b) O/a Presidente do Sínodo Espírito Santo a Belém ou seu vice; c) O (a) Pastor (a) Sinodal do Sínodo Espirito Santo a Belém da IECLB ou seu (sua) representante devidamente credenciado (a); d) Um (01) representante da Associação Albergue Martim Lutero; e) Os membros eleitos da Diretoria da ADL; f) Três (03) membros do Conselho Fiscal da ADL; g) Um (01) membro da Diretoria da Paróquia Evangélica de Confissão Luterana em Serra Pelada; h) Um (a) (01) Ministro Religioso (a) da Paróquia Evangélica de Confissão Luterana em Serra Pelada; i) O (a) Coordenador (a) dos Ministros Religiosos de cada União Paroquial do Sínodo Espírito Santo a Belém da IECLB no ES ou seu (sua) representante devidamente credenciado (a); j) Três (03) membros de cada União Paroquial do Sínodo Espírito Santo a Belém da IECLB no ES preferencialmente pais de alunos (as), indicados nos Conselhos Deliberativos das respectivas Uniões Paroquiais; k) Dos demais associados desde que devidamente registrada e aprovada a sua integração como associado da ADL. § 1º - São membros convidados, sem direito a voto: a) O (a) Pastor (a) Presidente da IECLB; b) O (a) Superintendente da ADL; c) Dois (02) representantes do Corpo Docente da ADL; d) Dois (02) representantes do Corpo Dicente da ADL;

______________________________________________________________________________________________ Av. Valdemiro Nitz, 285 - 29603-000 - Serra Pelada - ES - Telefax: (027) 3735 7060 e-mail: secretaria@adl.org.br ou financeiro@adl.org.br - website: www.adl.org..br


DADOS DE IDENTIFICAÇÃO CNPJ:

27.002.542/0001-50

Nome da Entidade:

Associação Diacônica Luterana – ADL

Endereço Logradouro

Av. Valdemiro Nitz,

Número:

285

Bairro/Distrito:

Serra Pelada

Município:

Afonso Cláudio

CEP:

29.603-000

Tel:

(27) 3735 7060

E-mail:

financeiro@adl.org.br / secretaria@adl.org.br

Site:

www.adl.org.br

Facebook:

https://www.facebook.com/associacaodiaconicaluterana

Complemento:

ADL

UF:

ES

Celular

(27) 99821 7060

SUPERINTENDÊNCIA Nome:

Siegmund Berger

Função:

Superintendente

Tel:

(27) 3735 7060

E-mail:

superintendencia@adl.org.br

Celular:

(27) 99724 4433

1 - CARACTERIZAÇÃO DA ADL EM 2017 1.1 - Diretoria da ADL - Exercício 2016 - 2019 Presidente: Emerson Lauvrs Vice-Presidente: Lourival Ernesto Felhberg Tesoureiro: Jonathan Felberg Vice-Tesoureiro: Vanildo Ott Secretário: Sidney Retz Vice-Secretário: Valdeci Foester Vogal A: Lorivaldo Kunn Vogal B: Genira Kuhn Pothin Conselho Fiscal: Nelson Nass, Jeremias Piontkowsky, Nivaldo Geick Völz, Ademilson Lemke, Omar Hollunder e Ervino Reetz.


1. 2- Equipe Técnica de 2017 Alex Reblim Braun – Assistente Social e Educador Social (Bacharel em Serviço Social e Licenciado em Ciências Sociais); Alzira Ratunde – Educadora Social e Catequista (Pedagoga); Cristiano Riam Berger – Secretário (Bacharel em Ciências Contábeis) Douglas Kalke – Educador Social (Licenciado em Educação Musical); Elzira Bragança Hammer – Cozinheira; Everton Kalke – Coordenador Administrativo; Emikellen Lauvrs – Educadora Social (Bacharel em Serviço Social); Jeferson Buss – Voluntário; João Henrique Stumpf - Voluntário; Gilmar Hollunder – Educador Social (Pedagogo); Paulo Marcos Jahnke - Voluntário; Rafael Pagung – Educador Social (Licenciado em Educação Musical); Rodrigo Bull – Serviços Gerais; Rosângela Manske Bragança – Padeira e cozinheira; Siegmund Berger – Superintendente e Pastor (Teólogo); Tereza Besserte Zibell – Lavanderia; Wendel Ponaht Blanck – Educador Social (Licenciado em Educação Musical); Willa Buecker – Educadora Social (Bacharel em Serviço Social); Zenil Potratz – Serviços Gerais.

1.3 - PARCEIROS 1.3.1 - DIRETOS Sínodo Espírito Santo a Belém - SESB (Uniões Paroquiais, Paróquias, Comunidades e demais grupos); Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil – IECLB; 1.3.2 - INDIRETOS ACESA – Associação Central da Saúde Alternativa; Associação Abrigo Rainha Silvia (RJ); Albergue Martim Lutero (ES); Amparo Feminino (RJ); Asilo Ninho de Amor de Afonso Cláudio; Associação Albergue Martim Lutero – AAML; Associação Beneficente Evangélica Floresta Imperial – Lar Padilha (RS); Escola Estadual de Ensino Fundamental e Médio “Elvira Barros”; Faculdades EST (RS); Fundação Luterana de Diaconia – FLD; Hospital São Vicente de Paula de Afonso Cláudio; Instituição Bethesda; Lar Ebenezer (PR), Pro Ludus – O Caminho/ Comunidade de Gravatá (PE); Obra Acordai Capixaba; Pastoral Popular Luterana – PPL; Prefeitura Municipal de Afonso Cláudio; Prefeitura Municipal de Laranja da Terra; Retiro Humboldt (RJ); Secretaria de Estado da Cultura do Estado do Espírito Santo - SECULT;


Secretaria Municipal de Assistência Social de Afonso Cláudio; Serviço Nacional de Aprendizagem Rural – SENAR; Sou Feliz – Organização de Amparo de Idosos (ES); Universidade Federal de Viçosa; Universidade Federal do Espírito Santo; Rede de Diaconia. 1.4 HISTÓRICO DA INSTITUIÇÃO A ADL foi fundada a 22 de fevereiro de 1956, pelo senhor Artur Schmidt, Pastor Luterano que veio ao Brasil suprir a vacância pastoral da Paróquia de Serra Pelada (Afonso Cláudio). Os luteranos atendidos na região eram alemães e pomeranos, havia um número pouco significativo de pessoas que compreendiam a língua portuguesa. A realidade da época era bastante diversa. Diante disso, Schmidt, em sua residência pastoral, iniciou um internato, no qual os jovens tinham aulas de música, teatro, conhecimentos bíblicos, língua inglesa e alemã, bem como agricultura e trabalhos manuais. Inicialmente idealizada somente para rapazes, pouco tempo depois a Escola Bíblica Evangélica-Lutherana do Espírito Santo, ou simplesmente Bibelschule, como era conhecida pela população, também passara a receber moças. Essas recebiam especial atenção da esposa do pastor, a senhora Käthe Schmidt. Professora de Ensino Religioso de formação, Käthe se ocupava mais com as moças, ensinando-lhes, além daquilo que se era aprendido pelos rapazes, os afazeres domésticos, muito úteis e necessários para a época. Esses jovens atendidos pela Bibelschule, complementavam seus estudos à noite, na então ainda ativa Escola Joaquim José Vieira, localizada na vila de Serra Pelada, sede do distrito e distante cerca de um quilômetro da sede da Paróquia. Passada uma década, a demanda continuava crescendo, forçando Schmidt a buscar uma nova estrutura, mais ampla e preparada para o exercício do ensino. Nesse sentido, diversos doadores do Brasil e do exterior, possibilitaram a construção do novo prédio, a partir de então, localizado na vila de Serra Pelada, e não mais na sede da paróquia. A manutenção das atividades também não era fácil. Além do apoio advindo das paróquias luteranas da região e dos recursos captados pelo casal Schmidt junto a amigos da Alemanha, muitos esforços foram necessários para a manutenção dos jovens na instituição. Havia uma contribuição por parte dos familiares, mas essa não era suficiente, além de as famílias de muitos jovens também não reunirem as condições necessárias para contribuir sequer com a alimentação de seus filhos. Além do casal Schmidt, outros voluntários vinham de todo o estado do Espírito Santo, contribuindo com o que lhes era possível. Alguns professores vinham semanalmente; outros, que residiam mais distante, conseguiam vir mensalmente ou quando lhes era possível. No final dos anos 70 a ADL é constituída em Associação, engaja-se na formação de diáconos (responsáveis pelas ações sociais na igreja) para a Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil (IECLB) até o ano de 1997, a partir daí essa formação é transferida para as Faculdades EST em São Leopoldo (RS). Desde então a ADL reformulou a sua atuação, e buscou ser uma instituição que possibilita vivências significativas, reflexão crítica sobre o meio social e incentivo para a prática do voluntariado.


1.5 CARACTERIZAÇÃO ATUAL DA INSTITUIÇÃO A ADL, associação sem fins lucrativos, em seus 62 anos de fundação, mantém os seus objetivos na promoção do voluntariado, capacitação profissional, valorização das práticas comunitárias e artísticas; tem na sua conjuntura operacional a atuação direta com adolescentes e jovens, promovendo atendimento doravante nos seus espaços, sem fazer distinção de qualquer espécie, seja de raça, cor, sexo, língua, religião, condição social, opinião política ou de outra natureza. A ADL busca complementar a educação regular (oferecida na escola pública), reforçando as áreas da ética, da cidadania, desenvolvimento comunitário, artística e do protagonismo juvenil. Além de aulas, estudantes participam de grupos artísticos, visita a comunidades e realizam atividades voluntários em instituições parceiras do município, sob acompanhamento de dois professores da ADL, para que assim percebam a importância da vivência comunitária e religiosa, do voluntariado e das práticas sociais. A sede da instituição está localizada na Avenida Valdemiro Nitz, 285, no distrito de Serra Pelada, município de Afonso Cláudio – ES. Missão: Oferecer formação complementar embasada na prática da valorização humana, comunitária e artística.

1.6 SÃO FINALIDADES/OBJETIVOS DA ADL São finalidades da ADL: ● Promover atividades de assistência social e relevância pública; ● Promover ações com famílias que vivem em situação de vulnerabilidade social. ● Desenvolver ações que promovam a dignidade humana por meio do empoderamento das pessoas. ● Promover e apoiar programas e projetos esportivos, ambientais, sociais, culturais e de produções artísticas; ● Apoiar iniciativas relacionadas às políticas públicas voltadas para a promoção da dignidade humana, do bem-estar e do desenvolvimento sustentável. ● Desenvolver atividades socioeducativas voltadas para a conscientização, defesa, preservação do ser humano, do meio ambiente e promoção do desenvolvimento sustentável. ● Incentivar e promover cursos, publicações diversas voltados à consecução de seus objetivos; ● Participar e apoiar as atividades sociais, culturais e filantrópicas de outras Organizações da Sociedade Civil; ● Desenvolver ações com os órgãos dos Poderes Públicos, da sociedade civil nacional e internacional, na busca de integrar pessoas assistidas pela ADL, incentivando sua integração na comunidade no contexto socioeconômico e cultural. ● Celebrar parcerias com o Poder Público Federal, Estadual e Municipal, nos termos da Lei nº 13.019/2014. ● Despertar na comunidade circundante, o interesse, responsabilidade e compromisso em cuidar do meio ambiente, através da conscientização e ações práticas de desenvolvimento sustentável. ● Favorecer a formação ética e social das pessoas atendidas, assim como o desenvolvimento das suas capacidades físicas, intelectuais, artísticas, culturais e lúdicas; ● Promover palestras e atividades motivacionais, ocupacionais que visem a promoção do desenvolvimento humano. ● Valorizar e fomentar ações e manifestações dos povos e comunidades tradicionais, culturais, religiosas e práticas diaconais, bem como divulgação das raízes históricas locais,


cultura, arte e demais eventos que fomentem iniciativas culturais trabalhadas pelas diversas vias da arte; ● Alojar e capacitar adolescentes e jovens durante o período letivo. ● Incentivar e promover o desenvolvimento econômico e social por meio de projetos e iniciativas sociais que fomentem a geração de renda e a inserção no mercado de trabalho, bem como a experimentação, não lucrativa, de novos modelos sócios produtivos e de sistemas alternativos de produção, comércio, emprego e crédito e apoio ao desenvolvimento de tecnologias alternativas. ● Participar de campanhas que promovam ações de cidadania e direitos humanos, paz e democracia, ética e outros valores universais.

1.7 - QUALIFICAÇÃO E TÍTULOS ● - Reconhecida oficialmente, sendo declarada Utilidade Pública Municipal, lei nº. 853 de 16/06/1980 e Utilidade Pública Estadual, lei nº. 3.517 de 29/12/1982, publicado no Diário Oficial do Estado em 08/01/1982. ● - Inscrita no Conselho Municipal de Assistência Social de Afonso Cláudio sob o número 010/1999. ● - Inscrita no Conselho de Direito da Criança e do Adolescente do mesmo município sob o número 08/2013. ● - Menção honrosa “D. João Batista da Mota e Albuquerque – Só o Povo Salva o Povo”, concedida à Associação Diacônica Luterana pela Assembleia Legislativa do Estado do Espírito Santo de acordo com a resolução 1883/97, por sua atuação em defesa da Cidadania e da Vida em 09 de dezembro de 2005. ● - Título Municipal de Entidade Benemérita, concedida pela Câmara Municipal de Afonso Cláudio no dia 31 de Outubro de 2005. ● - Título de Ponto de Cultura, pela Secretaria da Cidadania e da Diversidade Cultural do Ministério da Cultura (MinC), no dia 04 de maio de 2016.

2 - ASSOCIAÇÃO DIACÔNICA LUTERANA EM 2017 2.1 - Palavras da Superintendência Ao completar 62 anos de existência, a vida dessa Instituição pode ser comparada a um barco. Sabe o rumo, tem leme, tem tripulação que rema, mas está no mar e por isso também passa por abalos. Às vezes tão fortes que causam náuseas na tripulação. No entanto, nesse barco se encontra nosso Senhor Jesus Cristo que sempre de novo acalma as ondas e chama para a fé, chama para o acreditar que esse barco não afunda tão facilmente. Assim foi na época do Pastor Schmidt, sonhos e incertezas. Depois vieram outros. Mudanças foram acontecendo, tempestades foram vencidas, náuseas foram curadas. Mas o processo se repete. O mar não é estrada e mesmo se fosse uma, ainda teria muitos buracos e curvas a serem contornadas. Nos últimos anos aconteceram muitas mudanças. Numa pesquisa realizada em 2003, constatou-se que a ADL deveria se transformar em escola agrícola. Quando assumimos em final de 2004, colocamos em prática o resultado dessa pesquisa. No entanto, para nossa surpresa, tivemos que formar apenas uma turma. Não havia gente interessada nesse curso. Percebemos que a ADL deveria fazer o que sempre fez: liderança, música….. E assim foi. Com muita dificuldade, juntamente com a Diretoria, fomos ganhando espaço e credibilidade. Isso resultou na vinda de mais alunos. Mas a estrutura estava precária. Os móveis acabados.


Tivemos que correr em busca de recursos porque os pais não teriam como suportar tais despesas. Mesmo sendo uma Instituição da Igreja e com responsabilidade dela na sua manutenção, não nos acomodamos. Mesmo porque, os recursos totais da IECLB e SESB representam aproximadamente apenas 29% do orçamento. Precisávamos buscar mais 71%. Buscamos esse valor em aluguéis, contribuição dos pais, festas, doações, projetos dentre outros. Muitas mãos ajudaram. Dentre essas mãos, o próprio SESB. O fizeram porque entendiam que a ADL, como Instituição Diaconal e Missionária, precisava dar condição de formação para jovens cujos pais não teriam condições de dar uma boa formação para filhos e filhas. Numa pesquisa interna que realizamos, constatamos que mais da metade das famílias são da agricultura familiar (52,85%), empregados (28,57%), autônomo (8,57%), desempregados (4,29%) e situações onde os filhos e filhas nem sabem quem são seus pais e consequentemente não conhecem a profissão deles (4,29%) e empresário (1,43%). Isso mostra a impossibilidade de cobrarmos um valor fixo real que alcança R$ 1.100,00 por mês, por jovem que fica na Instituição. Assim, cada um contribui com o que pode e o restante a gente busca, sem perder a qualidade no atendimento (quartos para dormir, roupa lavada, comida com qualidade) e na formação. Portanto com um valor aproximado de R$ 37,00 de custo por dia, por jovem, oferecemos tudo isso. Daí a importância de as paróquias não desanimarem quando nossas rifas chegam para serem vendidas uma vez por ano. Por isso é importante que Ministros e Ministras, co responsáveis pela Igreja e suas Instituições, incentivem essa ajuda e se sintam responsáveis por essa Missão, por esse barco, para que não fique à deriva. Faz-se necessário entender que a Missão não passa por nosso umbigo. O maior exemplo disso foi o próprio Cristo em suas ações missionárias. Não podemos nos entender como o umbigo de Cristo, mas suas mãos e pernas. Diante da crise financeira que passamos, tivemos que nos adequar, mas também deve ser sempre um momento de dar um salto. Com o objetivo de trazer recursos financeiros para a ADL fizemos uma parceria com a Multivix e oferecemos cursos de pós graduação e graduação à distância, sem comprometer o seu próprio ser. A ADL é considerada hoje um polo estratégico para a Multivix ao ponto de um dia podermos culminar na abertura de cursos de graduação de forma presencial. No entanto, nos causa preocupação a política educacional desenvolvida pelo poder público no Estado do Espírito Santo. Nos últimos três anos foram fechadas 42 escolas no Estado. Todas elas em Distritos e Escolas do Campo. Tudo está sendo canalizado para a cidade. Essa atitude compromete a vida da nossa Igreja futura no interior. Não é diferente com a ADL, porque já tivemos que nos adaptar com horários diferentes à nossa prática, sem ao menos sermos chamados para conversar, considerando que representamos quase a metade dos alunos do Colégio Estadual Elvira Barros em Serra Pelada. Se fechar esse colégio, compromete a ADL também. Podemos prever que o êxodo rural e a falta de formação no interior serão temas de discussão num futuro não muito distante. Por isso que nossa voz profética não pode ser calada por cafés e comemorações com o Governo do Estado. Somos tímidos nas reivindicações. É mais fácil não se comprometer e deixar a coisa seguir adiante sem muito alarde. Dessa forma nos tornamos apenas o umbigo de Jesus e não suas pernas e mãos missionárias. Nossa prática diaconal e missionária no Estado do Espírito Santo tem pontos muito fortes historicamente. Lembro do Projeto DENES, Projeto Guandu, Escolas Família Agrícola, APSAD-VIDA, Grupo 01 e tantos outros. Quem sabe nossa história possa nos ajudar nesses momentos.


PPL, Secretarias Estaduais e serviços públicos municipais), são oferecidas capacitações livres na área da culinária, agricultura, artística, meio ambiente, música e outros. Na Associação Diacônica Luterana, os alunos e alunas do terceiro e quarto anos, durante o mês de julho participam de uma inserção voluntária intermediária em diversas instituições sociais ou comunidades religiosas da IECLB. Esse é um momento bastante rico para os voluntários e voluntárias, sendo um momento para fortalecimento de habilidades e vocações futuras, é um importante instrumento para a formação de lideranças comunitárias. Esse período oportuniza aos nossos alunos e alunas vivências práticas em instituições/comunidades com públicos/grupos distintos, para que assim percebam a importância da vivência comunitária e religiosa, do voluntariado e das práticas sociais. O curso de Assistência Ministerial atraiu o interesse da maior parte dos/as estudantes do quarto ano em 2017. Ofertado para o quarto ano, esse curso possibilitou os/as estudantes refletirem e estudarem sobre a rotina de uma comunidade e sobre o fazer diaconal e da educação cristã. Sobre as formações oferecidas na ADL, o ano de 2017 manteve-se a seguinte estrutura pedagógica de formação: ● ● ● ●

1º, 2º e 3º Anos - Liderança Comunitária (2.530 horas); 4º Ano - Assistência Ministerial (160 horas); 4º Ano - Educação Musical (320 horas); 4º Ano - Educação Social (240 horas).

Mais informações sobre as aulas: https://www.adl.org.br/aulas A instituição Lar Padilha (Taquara/RS), vinculado à Associação Beneficente Evangélica Floresta Imperial - ABEFI, mantém aproximação com a ADL por meio da Rede de Diaconia (grupo de instituições diaconais da IECLB). No mês de novembro recebemos a visita da coordenação do Lar e três educadores, que vieram observar e estudar a metodologia de acolhimento e formação utilizada na ADL. Essa visita culminou em uma parceria muito importante, a instituição deseja no futuro contratar jovens que tenham passado pela ADL e tenham formação em educação social. Já em 2018, foi disponibilizado vaga de contratação e indicamos a jovem Micaelly Rodrigues Ferreira (certificada em educação social em 2017), no mês de janeiro ela foi contratada e atua como educadora social no Lar. Biblioteca A ADL em parceria com o Sistema Nacional de Bibliotecas Públicas, obteve titulação de biblioteca comunitária e passa a partir de 2018 a receber doações de livros publicados por autores capixabas que tiveram patrocínio público. Ao encontro dessa parceria, a biblioteca da ADL ganha mais atenção e desenvolverá mais atividades de leitura e arte com estudantes e comunidade local. Ensino Médio O ano de 2017 apresentou mudanças alarmantes para as instituições de ensino regular, a partir da reforma do ensino médio e o programa Mais Educação. A Secretaria Estadual de Educação está implantando reformas gradativas nos municípios para que as metas sejam concluídas. No estado do Espírito Santo o projeto Escola Viva, existente em dezenas de municípios, possibilitou a matrícula para a modalidade integral. Infelizmente o governo atual incentivou o fechamento de escolas e o encerramento progressivo de séries em escolas mais distantes dos centros urbanos e bairros periféricos. Em Afonso Cláudio foi finalizado a oferta do ensino noturno em todas as escolas, em Serra Pelada os estudantes agora realizam o ensino médio no período vespertino, juntamente com os estudantes do ensino fundamental. Infelizmente essa mudanças acarretam redução de turmas no ensino médio no colégio Elvira Barros, antes era possível haver até 6 turmas no período noturno e agora só 3 turmas para o ensino médio. A ADL vem mantendo diálogo com a direção do colégio “Elvira Barros” e teme pelo futuro do ensino formal em Serra Pelada, com o possível aumento do ensino integral no estado, onde “até 2030, serão


300 unidades de Escola Viva atendendo todos os jovens capixabas do Ensino Médio”.1 Dessa forma, a grandeza do projeto ainda não responde questões específicas, sobre o fechamento de escolas sem a autorização da comunidade local, um currículo que não priorize a juventude rural e as questões peculiares de cada região. Parceria com a Multivix Com o objetivo de agregar recursos para a ADL e possibilitar mais oportunidades na região, realizamos parceria com a faculdade Multivix. No mês de outubro de 2017 foi assinado um termo de parceria entre as instituições, dessa forma, a partir de 2018 será ofertado também esse serviço. A ADL realizou uma intensa pesquisa com a finalidade de buscar parceria com uma empresa com finalidades educativas, a Multivix atraiu pelo fato de atuar dentro do Espírito Santo, ser bastante conhecida, investir intensamente em propaganda e estar entre as melhores faculdades privadas do Espírito Santo. A metodologia da Multivix possibilita que ocorra poucos encontros presenciais e faça uso de apenas uma sala a cada 15 dias para realização de avaliações e atividades, dessa forma, não haverá interferência nas atividades da ADL.

3 - ATIVIDADES EXTERNAS VINCULADAS A ADL OFICINAS: 3.1 - OFICINAS NO RETIRO DE CARNAVAL SINODAL - nos dia 26 e 27 de fevereiro de 2017, na comunidade de São João de Laranja da Terra, o professor Alex Reblim Braun conduziu a oficina de Jogos Teatrais que se baseia no método de Augusto Boal e de Viola Spolin e tem a finalidade de motivar a desmecanização física e intelectual e a professora Willa Buecker conduziu a oficina de Bibliodrama que tem por base o material de Anete Roese, e tem a finalidade de revigorar textos bíblicos para que sejam nova fonte de luz para as pessoas. A duração de cada oficina ao total foi de 4 horas. 3.2 - OFICINA DE BIBLIODRAMA - a oficina que aconteceu no dia 26 de março na Comunidade de Joatuba, contou com a presença de 17 mulheres. A proposta bibliodramática foi baseada no texto bíblico de Lucas 15.8-10 - Dracma Perdida. Teve a duração de 4 horas. 3.3 - OFICINA SOB O TEMA: DIACONIA TRANSFORMADORA NA INTERFACE COM A JUSTIÇA DE GÊNERO - Nos dias 19 e 20 de outubro, 60 estudantes da Associação Diacônica Luterana (ADL), em Serra Pelada (ES), participaram de uma oficina sob o tema: Diaconia Transformadora na Interface com a Justiça de Gênero. Na ocasião, foram apresentados conceitos que fundamentam a práxis diaconal em suas diferentes dimensões, em diálogo com a proposta de superação das violências por meio da equidade de gênero. A formação foi assumida pela FLD a convite da direção da ADL, organização que integra a Rede de Diaconia (www.redediaconia.com.br). 3.4 - OFICINA DE NATAL - A Associação Diacônica Luterana promoveu uma oficina de natal no dia 04 de novembro de 2017. A Paróquia de Itaguaçú acolheu 26 mulheres da OASE UP Guandu. O evento foi realizado das 8:00h às 15:00h. Foram reproduzidos símbolos como: Sinos, bolas, guirlandas, móbiles de estrelas a partir de material acessível o que teve boa aceitação e encantamento. 3.5- INAUGURAÇÃO DO TEMPLO DE RECREIO E DE BIRIRICAS - O superintendente Siegmund Berger, o professor Douglas Kalke e o aluno Tcharles Breno Chagas participaram de celebrações de inauguração do Templo da Comunidade Evangélica de Confissão Luterana em Recreio, município de Santa Maria de Jetibá e também na Inauguração do Templo da Comunidade Evangélica 1

Fonte: http://sedu.es.gov.br/Not%C3%ADcia/es-e-destaque-no-brasil-com-aumento-no-numero-de-estudantesmatriculados-em-tempo-integral


de Confissão Luterana de Biriricas, município de Domingos Martins, no qual Siegmund proferiu a prédica abordando a importância da educação e dos valores familiares, em ambos eventos, após o culto, fizeram um show de músicas eclesiásticas no palco principal da festa. 3.6- PALESTRA "CAMPO, FAMÍLIA E SOCIEDADE" - No dia 15 de fevereiro , como o público estimado de 120 jovens e adultos, foi realizada uma palestra com a abordagem ‘Campo, Família e Sociedade” no Auditório da ADL, onde foi trazida a questão da agricultura familiar, seus gargalos, dentre eles a formação da agricultura e do agricultor, abordando que nos últimos sete anos 23.000 escolas do campo foram fechadas por falta de recurso e a necessidade de buscar novas perspectivas no trabalho agrícola diante da crise de se produzir em espaços cada vez menores e com a preocupação com a sustentabilidade. 3.7- LANÇAMENTO DA CAMPANHA DA FRATERNIDADE 2017 - O grupo de animação da ADL, denominado "Vozes da Mãe-terra", sob coordenação do educador social Gilmar Hollunder, foi convidado para participar da referida atividade no Convento da Penha no dia 05 de março para dar introdução à fala dos 6 biomas brasileiros abordados na CF-2017 com a canção " Festa dos Biomas". Após apresentação, foi realizada a missa no pátio do Convento da Penha. A atividade teve início com a feira durante o dia de produtos agroecológicos advindos dos movimentos sociais, dentre eles Sindicato dos trabalhadores Rurais - STR, Movimento dos Pequenos Agricultores - MPA e encerramento com a missa as 16:00. 3.8- RETIRO DE CONFIRMANDOS E CONFIRMANDAS NA VILA DE LARANJA DA TERRA - Aconteceu no dia 11 de março de 2017 o retiro de confirmandos e confirmandas da Paróquia da Vila de Laranja da Terra. Teve a participação de 11 adolescentes, com a duração de 6 horas. Estiveram presentes os educadores sociais Alzira Ratunde e Wendel Ponaht Blanck juntamente com o aluno Eduardo Mutz Có. Foram trabalhados a temática do barco, que remete o convite de adentrar o barco que é a Igreja de Jesus Cristo por meio do Batismo. 3.9- 11º SEMINÁRIO SINODAL DE FORMAÇÃO DA JE - A ADL participou no 11° seminário sinodal de formação da JE. O encontro se desenvolveu a partir da temática do projeto desenvolvido na Rede Global de Jovens Reformadores e Reformadoras - Juventudes e Diaconia: livres para transformar o mundo. O objetivo principal deste encontro foi promover uma formação diaconal objetivando a incentivando cada grupo de JE do sínodo Espírito Santo a Belém a promover pelo menos uma ação diaconal até dia 31 de Outubro deste ano. O encontro que contou com a presença de aproximadamente 150 lideranças jovens e teve como assessor principal o Diácono Dionata Rodrigues de Oliveira, ex estagiário da ADL. A Associação Diacônica Luterana enviou representantes do corpo docente e discente para contribuírem no debate e no cultivo de uma diaconia engajada na realidade capixaba e brasileira. Sua vocação diaconal histórica e irrevogável é colocada a serviço das demandas diaconais das comunidades da IECLB e da sociedade de modo geral. 3.10- DIA DA ORDEM AUXILIADORA DE SENHORAS EVANGÉLICAS - OASE DA UP GUANDU - No dia 17 de setembro os alunos da ADL, Sarah Jann Erdmann, Tcharles Breno da Silva Chagas, Katriel Pedro de Andrade e Ravilly Souza Chaves, coordenaram o dia da OASE da UP Guandu, contribuíram na área musical e de animação do encontro. Os alunos foram instruídos pelo professor Wendel Ponaht Blanck com músicas de movimentos, gestos e danças, acolhida e dinâmicas. 3.11- DIA “COOPERAR” DO SICOOB - O Dia Cooperar, também conhecido como “Dia C” é uma atividade que tem o objetivo de promover e estimular a integração das ações voluntárias de cooperados, colaboradores e familiares, em um grande movimento de solidariedade cooperativista. Deste modo a ADL foi convidada para participar desta ação voluntária realizada com mais de 100 crianças e adolescentes da Sociedade Civil Pró-Casa do Menino em Afonso Cláudio, afim de fazer uma abordagem lúdica sobre higiene corporal e bucal. Representada pelos educadores sociais Willa Buecker e Wendel Ponath Blanck e os alunos e alunas José Felipe Fabiano da Silva, Bruno Krüger, Alicia Rossmann, Michele Oliveira Pereira e Ranielia Gonçalves.


3.12- ENCONTRO DA JE DA PARÓQUIA DE CRISCIÚMA - O encontro aconteceu no dia 23 e 24 de setembro. A temática do retiro ressaltou sobre o tema: “Influência das Mídias na Juventude”. Estiveram presentes os alunos Sarah Jann Erdmann, Luis Paulo Abel Gums, Ravilly Souza Chaves juntamente com o educador social Wendel Ponaht Blanck, que trouxeram e agregaram contribuições sobre a temática desenvolvida, a partir das aulas, conteúdos e vivências que a ADL despertou em cada um deles. Contribuíram também na animação com músicas, gestos, brincadeiras, jogos e dinâmicas. O encontro terminou com a visita ao Instituto Terra do Fotógrafo Sebastião Salgado no município de Aimorés/MG. 3.13- PROGRAMA DERMATOLÓGICO - Programa realizado em parceria com AAML, SESA, Prefeitura Municipal, Igrejas locais para consultas de prevenção, detecção e pequenas cirurgias de câncer de pele. Aconteceu na ADL nos dias 1 e 2 abril e atendeu 389 pessoas, da comunidade local e de localidades próximas. 3.14- XVII ASSEMBLEIA REGIONAL DA COMISSÃO PASTORAL DA TERRA - Nos dias 18 e 19 de Março de 2017 a Associação Diacônica Luterana esteve representada na XVII assembleia regional da Comissão Pastoral da Terra (CPT) na cidade de Pedro Canário – ES. Com cerca de 40 lideranças ligadas a movimentos sociais, organizações ecumênicas e demais instituições comprometidas com a justiça no campo, a assembleia refletiu sobre o momento político e socioeconômico conturbado experimentado pelo Brasil. Além disso, o encontro serviu como um espaço para a articulação de iniciativas que visam colocar sinais do Reino de Deus em nossas realidades locais e regionais injustas ligadas ao campo. A assembleia foi marcada pela rearticulação da CPT no estado do ES e RJ em parceria com instituições, como a ADL, que buscam promover a justiça no campo. A Associação Diacônica Luterana, a partir do firme compromisso com a mensagem libertadora de Jesus Cristo, engaja-se na construção de uma sociedade mais justa e fraterna, onde a vida doada por Deus a cada ser humano possa ser vivenciada de forma efetiva. Este compromisso irrevogável com a vida serve como uma baliza que orienta todos os processos e atividades educacionais vivenciadas na instituição. Essa sua vocação colocada a serviço da vida, a leva a investir na participação de seus alunos/as e educadores em eventos de níveis nacionais, regionais e estaduais, que buscam fomentar a reflexão sobre o cultivo da justiça, paz e do amor na sociedade. 3.15- FÓRUM DE ARTICULAÇÃO - Realizado em Santa Maria de Jetibá com o objetivo de buscar uma organização dos pomeranos enquanto Povo Tradicional, na luta por seus direitos. O fórum contou com a presença de 45 pessoas e teve duração de 3 horas. 3.16- FÓRUM DE INTER RELIGIOSO - Fórum Inter Religioso realizado na sede da Fundação Luterana de Diaconia - FLD em Porto Alegre que teve a discussão sobre a realidade contemporânea brasileira e a diversidade de gênero. 3.17- COMISSÃO MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO - Participação na Comissão Municipal de Educação para elaboração do Plano Municipal de Educação. 3.18- SEMINÁRIO DA REDE DIACONIA - Aconteceu nos dias 28 a 31 de agosto, em VespasianoMG, a ADL foi representada pelo Superintendente Siegmund Berger e o educador social Alex Reblim Braun. O encontro contou com a participação de 23 pessoas. 3.19- MUSISACRA - Nos dia 14 e 15 de novembro, foi realizado nas dependências da ADL a última etapa do MUSISACRA, tivemos 30 participantes e o resultado final foram 35 músicas. 3.20- ENCONTRO DE CORAIS DA UP GUANDU - O professor Douglas Kalke coordenou o Encontro de Corais da UP Guandu, em preparação para o dia da família da UP. Foram ensaiadas 5 canções com coralistas de diversas comunidades da UP onde as mesmas foram apresentadas do Dia da Família que aconteceu em Serra Pelada.


3.21- SEMANA DE CANTO 2017 - Foi realizada nas dependências da ADL a Semana de Canto 2017 com o tema " Música e Igreja sempre em Reforma. Contamos com a assessoria de várias pessoas do Estado do ES, Santa Catarina, Paraná e Rio Grande do Sul. 3.22- CURSO DE TÉCNICA DE SOPRO - Professores/as e alunos/as da ADL participaram do curso de técnicas de sopro. Ao todo foram 10 etapas realizadas num período de 10 meses. O curso foi encerrado no município de Santa Maria de Jetibá com um grande concerto. O curso ajudou a fortalecer e desenvolver a prática dos sopros dentro da ADL. 3.23- ENCONTRO DE REGENTES DO SÍNODO ESPÍRITO SANTO A BELÉM- SESB - O professor Douglas Kalke juntamente com a aluna Leidiane Pisoler e José Felipe Fabiano participaram do encontro de regentes do SESB. Foram trabalhadas várias canções para os quinhentos anos da reforma. Além disso, aconteceram três capacitações durante o encontro, regência coral, teoria musical e saúde vocal. 3.24- CANTATA DE NATAL - A ADL no final de novembro e início de dezembro de 2017 realizou várias apresentações pelo ES, foram 8 apresentações no total nos municípios de Afonso Cláudio, Laranja da Terra, Domingos Martins e Santa Maria de Jetibá. 3.25- ATIVIDADES DE ARTICULAÇÃO E TREINAMENTO DA ACESA - As atividades da ACESA iniciaram a partir de um projeto de articulação e treinamento em outubro de 2016 na UP Guandu. Dela participam as paróquias que encaminharam representantes interessados em desenvolver atividades terapêuticas com o objetivo de acolher pessoas para as seguintes, assim denominadas “Práticas Integrativas Complementares”: limpeza de ouvido, massagem, argiloterapia, quick massage, limpeza de pele, reflexoterapia, reiki, desbloqueio energético, relaxamento, banho de argila. O núcleo em que a ADL está inserido fazem parte as paróquias de Afonso Cláudio, Serra Pelada e São João de Laranja da Terra. Além do envolvimento com lideranças comunitárias, os alunos e alunas da ADL também recebem treinamento e realizam atendimento nas paróquias e na ADL um dia da semana juntamente com o educador social Gilmar Hollunder. Para tanto, a equipe de terapeutas da ADL criou em sua mata o espaço “Casa Comum” com duas macas embaixo de uma tenda de palha, uma cadeira quick massage improvisada e seis berços para aplicação do banho de argila. A divulgação ocorre nos atendimentos comunitários e pelo pastor Paulo na paróquia local. Aconteceram sete reuniões de planejamento, sete atendimentos comunitários incluindo um atendimento no Encontro Nacional da PPL em Cascavel - PR. Participamos do Seminário da ACESA em Colatina no dia 13 de maio e do Seminário Estadual em Vila Pavão com certificação e presença da UFV no mês de julho. Também nos comprometemos com uma palestra interativa sobre qualidade de vida em Itarana no dia 08 de novembro para a Pastoral da Sobriedade. 3.26- GRUPO DE MÚSICA PARA ANIMAÇÃO JUNTO ÀS CELEBRAÇÕES ECUMÊNICAS E MOBILIZAÇÃO COMUNITÁRIA - Os alunos e alunas da ADL se prepararam para apresentação e animação com músicas em eventos ecumênicos tais como Celebração da Campanha da Fraternidade no município que ocorreu nas localidades de Serra Pelada no dia 15 de março na Escola Elvira Barros, no distrito de Vila Pontões no dia 10 de maio e no distrito de Fazenda Guandu no dia 21 de setembro. Esta atividade também incluiu a preparação da proposta litúrgica levada e apresentada para as lideranças religiosas agregando gestos concretos criativos e a inclusão das organizações do campo como cooperativa de frutas, Sindicato dos Trabalhadores Rurais, Associação de Produtores e sua prática do cuidado com o bioma em que está inserido. A equipe também assumiu os cantos da Semana de Oração pela Unidade Cristã nas comunidades católicas e luteranas (IECLB) do município de Afonso Cláudio fazendo assim crescer o movimentos ecumênico e para uma vivência sem a intolerância religiosa tão frequente no nosso país e no mundo, promovendo a cultura do diálogo inter religioso e da cultura da paz, especialmente neste período da passagem da comemoração do 500 anos da Reforma. Neste sentido, vivenciamos a proposta que a SOUC nos desafiou, no qual o tema foi “reconciliação”. 3.27- PARTICIPAÇÃO DOS ALUNOS E ALUNAS DA ADL NAS “PRÁTICAS INTEGRATIVAS COMPLEMENTARES” DA ACESA - São denominadas “Práticas Integrativas Complementares”: limpeza de ouvido, massagem, argiloterapia, quick massage, limpeza de pele,


reflexoterapia, reiki, desbloqueio energético, relaxamento, banho de argila dentre outras que os jovens da ADL estão recebendo da ACESA juntamente com membros das paróquias de Afonso Cláudio, Serra Pelada e São João de Laranja da Terra. Além do envolvimento com lideranças comunitárias, alunos e alunas da ADL também recebem e estão envolvidos diretamente com os treinamentos recebendo certificação emitido pela UFV, Departamento de Fitotecnia e realizam atendimento nas paróquias. Na ADL, um dia da semana é dedicado ao atendimento comunitário onde a equipe da ADL formada por alunos juntamente com o educador social Gilmar Hollunder. Para tanto, a equipe de terapeutas da ADL criou em sua mata o espaço “Casa Comum” através de uma trilha que é conduzida dentro da mata para um espaço com duas macas embaixo de uma tenda de palha, uma cadeira quick massage improvisada, seis berços para aplicação do banho de argila, um local para a retirada da terra virgem a ser aplicada, devidamente orientados, uma caixa de água para o banho após a terapia com um banheiro. Também aconteceu curso de Primeiros Socorros na ADL entre os dias 08 a 10 de novembro para complementar a prática do cuidado. 3.28- MOBILIZAÇÃO E MANIFESTAÇÃO EM VENDA NOVA DO IMIGRANTE E AFONSO CLÁUDIO - No dia 30 de março jovens da ADL juntamente com os educadores sociais João Henrique Stumpf e Gilmar Hollunder participaram de um manifesto em Venda Nova do Imigrante por causa da Reforma da Previdência, Reforma Trabalhista que a equipe de governo nas esferas Federal e Estadual vem emplacando contra o trabalhador camponês e operários urbanos. Esta participação foi feita em parceria com STR, MPA, Associações, Cooperativas e nós da ADL representado a PPL a nível Sinodal e Nacional. Na fala que expressamos no movimento, se deu em torno da organização do povo hebreu contra o poderio do Faraó que oprimia o povo, conforme êxodo e da atuação de uma igreja engajada com os movimentos populares através da teologia da libertação. 3.29- PARTICIPAÇÃO NA COMISSÃO PASTORAL DA TERRA - CPT - Nos dias 18 de 19 de março, uma aluna da ADL, lideranças comunitárias, os educadores sociais João Henrique Stumpf e Gilmar Hollunder participaram da Assembleia da CPT em Pedro Canário - ES representando uma parceria com a PPL onde assumimos posição no conselho da mesma. A intenção é articular ações juntamente a Juventude camponesa da região serrana, formação de novos agentes populares, para tanto, João assumiu elaborar e comungar um projeto de formação bíblica com foco na “Leitura popular da Bíblia” através da PPL e acompanhamento dos conflitos do campo no que se refere ao fechamento das escolas do campo em detrimento da criação das chamadas “Escolas do campo”. Após isso, participamos da agenda de reuniões do Conselho juntamente com a Regional CPT RJ/ES onde uma reunião ocorreu no dia 03 de junho em São Mateus e outra no dia 13 de outubro em Campos, Rio de Janeiro. 3.30- ELEIÇÕES DA DIRETORIA DO STR - O Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Afonso Cláudio, Laranja da Terra e Brejetuba convidaram a ADL para participar de sua mobilização nas eleições em 2017. Contou com um dia de treinamento para orientar e monitorar a urna que em Serra Pelada teve como local a ADL. Participou uma aluna do curso de Educação Social que fez o treinamento no dia 22/09 e as eleições ocorreram no dia 01/10. 3.31- EDUCAÇÃO DO CAMPO - A ADL foi convidada, pela Secretaria de Educação de Afonso Cláudio na pessoa de Gilmar Hollunder, educador social da mesma para encaminhar um representante para compor uma equipe que está avaliando o andamento da execução do Plano Municipal de Educação - PME de Afonso Cláudio. A reunião foi no dia 02/10. Foi verificado e encaminhado que o mesmo está, até fins do ano passado defasado por 2 anos. A equipe tem foco principal em mobilizar meios para a meta de implantar uma Escola Família Agrícola - EFA. Para tanto, estamos rearticulando o mesmo grupo que no período da elaboração do mesmo sugeriu 20 metas que contemplam a Educação do Campo, também para dialogar com a Secretaria de Educação para lançar um Fórum de Educação no município no 1º semestre de 2018. 3.32- PASTORAL POPULAR LUTERANA- PPL - As atividades da Pastoral Popular Luterana se deram no entorno das reuniões da Coordenação Nacional, que ocorreram nos dias 22 e 23 de fevereiro e 04 e 05 de novembro na sua sede em Palmitos - SC no qual o educador social da ADL é membro, na pessoa de Gilmar Hollunder. As ações da PPL são voltadas para Mulheres, Juventudes, Educação do Campo, Agroecologia, Saúde Preventiva integral através da ACESA e CAPA, assessoria a


movimentos sociais como o MPA, STR, MMC, Grupo INCLUSÃO, tendo sua principal atividade o seu encontro nacional em Cascavel - PR nos dias 07 a 10 setembro onde foi mobilizado um ônibus para levar as lideranças e jovens da ADL que assumiram a noite cultural, animação e celebração, além da oficina da ACESA que foi ministrada inteiramente pela equipe da UP Guandu. Participamos da Missa Afro na comunidade Afro em Santa Luzia, Laranja da Terra juntamente com o Pe. Márcio que presidiu a celebração com o Pe. Deoclécio Tonolli de Laranja da Terra. 3.33- CELEBRAÇÕES - A ADL, por representatividade do Superintendente Siegmund Berger, o Coordenador do Departamento de Música - Douglas Kalke e também o Grupo de Metais “Pomer Blosas” coordenado pelo educador social Rafael Pagung participaram de diversas celebrações por meio da música e pregações: -

Celebração de Inauguração do Templo de Recreio - Santa Maria de Jetibá. Celebração de Inauguração do Centro Comunitário Ribeirão do Costa - Afonso Cláudio. Celebração de Inauguração do Templo de Biriricas - Domingos Martins. Celebração na Comunidade de Vila Pavão. Instalação do Pastor Armindo Klump - Comunidade de Francisco Correia - Paróquia Francisco Correia. Celebração na Comunidade da Fé - Paróquia Unida. Celebração Festiva na Comunidade de Parajú - Paróquia Palmeira de Santa Joana. Celebração de Reinauguração da Igreja da Comunidade de Córrego Peneira - Vila Pavão. Celebração na Comunidade Bom Pastor - Alto Tijuco Preto. Celebração de Bodas de Diamante na Comunidade de Triunfo - Itaguaçú. Celebração e leilão comunitário beneficente na Comunidade de São João de Garrafão - Santa Maria de Jetibá. Celebração na Festa Paroquial da Paróquia de Palmeira de Santa Joana - Itaguaçu. Solenidade fúnebre e sepultamento do Pastor Edgar Volbrecht. Celebração Festiva na Comunidade de Alto Tijuco Preto. Comemoração ao Dia da Família da UP Guandu realizada em Serra Pelada. Celebração Festiva Comunidade de Itueta - MG. Celebrações realizadas na Paróquia Unida com alunos/as do Curso de Assistência Ministerial. Caminhada alusiva aos 500 anos da Reforma Luterana em Itaguaçu. Celebração de Inauguração da Rosa de Lutero em Itaguaçu. Celebração dos 500 anos da Reforma em Serra Pelada. Celebração dos 100 anos da Comunidade Lagoa I e Jubileu de Confirmandos. Celebração da Aniversário da Comunidade de Caramuru. Celebração de Formatura na Comunidade de Biriricas - Domingos Martins. Celebração de Advento e Programa de Natal na Comunidade de Jucu - Domingos Martins. Celebração no Encontro da Família Lauvers em Rio Taquara - Garrafão. Celebração de Inauguração de torre da comunidade de Barra de Lagoa. Culto 500 anos da Reforma em Vila Velha e 60 anos da presença luterana em Vitória. Celebração 500 anos da reforma em Santa Maria de Jetibá.

3.34- PALESTRAS - Diversas palestras, com abordagens diferentes e públicos variados foram realizadas pelo Superintendente Siegmund Berger acompanhado do Coordenador do Departamento de Música da ADL, Douglas Kalke. Conforme segue: -

TEMA: “Campo, família e sociedade” - Auditório da ADL. TEMA: “Se eu fosse você?” - Palestra para casais em Domingos Martins. TEMA: “As visitas que Jesus realizou” - Santa Teresa. TEMA: “Culinária e violência na família” - São João de Garrafão. TEMA: “Culinária e violência na família” - Escola do Arrependido. TEMA: “Culinária e violência na família” - Comunidade da Esperança em Caramuru. TEMA: “Culinária e violência na família” - Comunidade da Paz em Santa Leopoldina. TEMA: “Diferença entre Merendeira e Profissional Prestadora de Serviços nas áreas de alimentação e limpeza” - Secretaria de Educação em Santa Leopoldina. TEMA: “Família, seu papel na sociedade e tecnologias” - São João de Garrafão.


-

TEMA: “Afetividade e Motivação Pessoal” - Baixo Guandu. TEMA: “Auto estima, sexualidade, saúde e afetividade, componentes para uma vida melhor” - Itarana. TEMA: “Afetividade, compromisso e educação dos filhos e filhas” - Comunidade de São João do Garrafão. TEMA: “500 anos da Reforma - ontem e hoje. O que isso significa?” - JE da UP Mata Fria. TEMA: “Família, Juventude e Tecnologia” - Comunidade de Vila Pavão.

4 -AGRADECIMENTOS Mais um ano passou e muitas mãos foram dispostas a ajudar durante o ano de 2017. São mãos de dentro das comunidades, são mãos anônimas, são famílias, são lideranças no SESB, são mãos da Diretoria do SESB, são Paróquias, são diretorias, são alguns Ministros e Ministras, instituições do SESB, são mãos que criaram eventos com o objetivo de ajudar, são mãos de estrangeiros. Não podemos esquecer das empresas que de uma ou outra forma contribuíram, das mãos cuidadosas da diretoria da ADL. Enfim, muitas mãos que se posicionaram em ajudar. Nominá-las seria um risco de esquecer alguma. No entanto percebemos que a ação dessas mãos é a ação do próprio Deus através de pessoas na construção de um mundo melhor por meio da formação e ações realizadas pela ADL em 2017. Agradecimento especial a Deus que coloca tantas mãos para ajudar. Agradecemos a toda IECLB e em especial ao Sínodo Espírito Santo a Belém pelo apoio, carinho e atenção para com a ADL. À Diretoria do SESB, ao Pastor Sinodal, sempre sensíveis à causa da ADL. Às Uniões Paroquiais que ajudam nas coletas, às paróquias que destinam 10% dos envelopes das festas da colheita e na contribuição de 1,5%, assim como ajudam na venda de rifas. À UP Guandu e a tantos outros que ajudaram com a doação de alimentos e material de limpeza. Essas doações sempre representam uma economia considerável para a ADL. Por fim, agradecemos a todas e todos que acreditam no nosso trabalho. Às equipes de todas as áreas da ADL e principalmente à Diretoria que está junto, apoiando nossas ações e defendendo essa Instituição que busca despertar muitos jovens para o exercício de seus dons em prol de uma sociedade mais justa.

Siegmund Berger Superintendente da ADL

Finalizamos esse relatório com o depoimento da Ana, ex-aluna da ADL e atual estudante teologia, onde conta sobre a despedida dos estudantes que foram certificados no último ano. Treze histórias resumidas em uma única palavra: GRATIDÃO Texto: Ana Carolina Paranhos Assunção No ano de 2014 a Associação Diacônica Luterana - ADL, localizada em Serra Pelada, município de Afonso Cláudio - ES, acolheu 13 histórias de jovens de lugares diferentes, pensamentos diferentes, jeitos diferentes de ser, para construir uma única história em uma caminhada de quatro anos, culminando num belíssimo culto e certificação no dia 9 de dezembro de 2017, concluindo o Curso de Assistente Ministerial, que tem por objetivo formar jovens para auxiliar nos trabalhos comunitários da Igreja, como auxílio aos pastores nos cultos e os diversos grupos e setores de trabalho. Durante o culto os formandos receberam suas batas, de acordo com os cursos. A bata mais curta foi entregue aos que fizeram o curso de Música e Educação Social; e a mais comprida foi entregue aos que fizeram o curso


de Assistência Ministerial, com a formação para celebrações e grupos. Quando estes 13 adolescentes chegaram na instituição, estranharam tudo e todos, não tinham muita ideia do que fariam, e como seria a rotina, o que iriam aprender durante esta caminhada, e a sensação de estarem perdidos também. Iniciaram uma nova etapa de suas vidas, etapa na qual foi marcada por tantos acontecimentos, lutas, escolhas, batalhas, decepções, alegrias, encontros e desencontros, mas com um único objetivo de viver intensamente o encantamento pela vida. Desta forma, passaram-se horas, dias e, por fim, anos, e durante este processo de caminhada, construíram e valorizam momentos em que foi preciso aprender a respeitar a história do próximo, para que sucessivamente construíssem a própria história. Construíram a própria história a partir de outras histórias de vida e, com isto, são uma parte das histórias vivas da instituição. Agradecemos primeiramente a Deus por tudo que foi proporcionado para cada um, aos educadores e educadoras, funcionários, diretoria, superintendência, Paróquia de Serra Pelada, Paróquia de Afonso Cláudio, Sínodo Espírito Santo a Belém, IECLB, Escola Elvira Barros, UP Guandu e todas as pessoas que colaboraram nesta formação. Formação esta, em que muitas vezes tiveram que renunciar às coisas mundanas para lutarem, incentivarem, persistirem e acreditarem em cada um. Gratidão pelo esforço de cada um e de cada uma dessas pessoas, no qual passaram noites adentro estudando para no outro dia poderem transmitir o que foi adquirido, exercitando a troca de conhecimentos e saberes. Às nossas famílias, que primeiramente demonstraram total confiança a esta instituição por terem acolhido a cada um de nós, e por serem uma parte de nossa família, pois nos tornamos não apenas colegas, e nem amigos, mas sim uma família. Por estarem sempre ao nosso lado e incentivarem a irmos em busca de objetivos, realizações e sonhos. Aos pais e mães, avós e responsáveis: vocês são o berço do alicerce do amor puro. Graças a cada um de vocês que conhecemos no mundo exterior vamos construindo a nossa história. Vivemos momentos inesquecíveis nesta instituição. As nossas histórias se resumem em uma só palavra: gratidão.

Profile for adluterana

Relatório de Gestão - Associação Diacônica Luterana - 2017  

Relatório de Gestão - Associação Diacônica Luterana - 2017  

Advertisement

Recommendations could not be loaded

Recommendations could not be loaded

Recommendations could not be loaded

Recommendations could not be loaded