Issuu on Google+

MOMENTOS Informativo da Paróquia São Braz

Edição - Outubro/2011 - Ano VI - Nº 93

Santa Mãe, abençõe nossas crianças.

Evangelização, Cultura & Boas Notícias - Distribuição Gratuita


Curitiba.outubro.2011 MOMENTOS 2

Voz do Pároco As bem-aventuranças são um programa estabelecido por Jesus para aqueles que desejam segui-lo. Em São Mateus elas têm significado mais espiritual, enquanto em São Lucas o sentido é mais social. Não pretendo analisar todas, somente duas: - Felizes os pobres de coração porque verão a Deus. Os sinceros com Deus e com os homens adquirem esta pureza. Ela procede de dentro do nosso coração, não é simplesmente exterior ou ritualista. Ser puro de coração é amar a Deus acima de tudo, perseverando neste amor, temos condições de nos examinarmos, de tirar as sujeiras deixadas dentro de nós pelo pecado. Temos condições de com a graça de Deus, vencer as tentações, controlar nossos atos. Repensar nossa

Expediente vida, respeitar a vida do outro, amarmos a Deus sem sermos egoístas, pensando somente em nós. Abrimos nossos corações aos irmãos sem distinções, como Jesus. Ser puro o coração é admirar o coração de Jesus, de onde brotam todas as ações de compaixão e misericórdia que necessitamos. Jesus não possuía nada nesta terra, mas repousava no coração puríssimo do Pai, ali ele encontrava a paz, a paciência, a coragem, enfim tudo que necessitava para sua missão. Ser puro de coração é viver mergulhado no coração transpassado de Jesus. Nele encontramos uma ternura indescritível, brota em nossos corações um sentimento de agradecimento por todo bem que nos é oferecido. - Felizes os pobres de coração, pois o Reino lhes pertence. Jesus não ama a pobreza

que leva a miséria, a exploração dos homens menos capazes. A dimensão de pobreza em Jesus é outra. Não é aquela que pensamos, colocar simplesmente os ricos contra os pobres. Jesus está perto daqueles que têm o coração partido. Muitos irmãos e irmãs, formam a grande família daqueles cujas provas materiais e espirituais só podem contar com o poder de Deus: “ eu sou pobre e infeliz, mas o Senhor cuida de mim.” Sl 39,18. Pobres para Jesus, são aqueles que vendo seus milagres, suas atitudes em relação aos homens dominados pela exploração do mal, não deixam de nele confiar. Pobre para Jesus é aquele que se solidariza com seu próximo, que combate a corrupção, que ama sua família e cuida com autoridade a educação de seus filhos. Pobre para Jesus é aquele que o amando, ama

MOMENTOS Informativo da Paróquia São Braz

R. Antonio Escorsin, 1860 - São Braz - Curitiba/PR FONE/FAX/E-MAIL: (41) 3024-1310 - momentossb@gmail.com Padre Renato

seu irmão, abrindo seus braços para acolhê-lo, ampará-lo. É aquele que deixa de pensar somente em si, mas sai de dentro de si, extravasa aos outros o amor divino que tem no seu coração. Ser pobre para Jesus é tê-lo como exemplo de amor e misericórdia. Estas duas bem-aventuranças nos levam a refletir nossa vivência cristã. Ser cristão não somente dentro da Igreja, mas no dia-a-dia. Extrapolando em todo nosso ser a energia espiritual que Jesus, sem cobrar nada, nos oferece. Paz e Bem!

DIRETOR ESPIRITUAL: Padre Renato Burigo JORNALISTA RESPONSÁVEL: Maria Graciele Muraro - DRT/PR - 8258 TIRAGEM: 16 páginas - 3.000 exemplares COLABORAÇÃO: Todas as Pastorais, Capelas, Movimentos, Amigos, Associações e voluntários. DIAGRAMAÇÃO, ARTE FINAL E PRODUÇÃO: Maria Graciele Muraro

As opiniões e conceitos expressos nas matérias são de responsabilidade de seus autores, não representando necessariamente a opinião deste informativo. Reservamo-nos o direito de publicar ou não textos, fotos ou anúncios recebidos como colaboração, se estes não estiverem dentro da linha editorial.

Horários

HORÁRIO DA SECRETARIA - MATRIZ DE 3ª FEIRA À SÁBADO: DAS 08H30 ÀS 11H30 E DAS 13H30 ÀS 17H30. TELEFONE PARA CONTATO: 30241310 MISSAS MATRIZ: QUARTA, SEXTA FEIRA E SÁBADO: ÀS 19H TERÇA E QUINTA FEIRA: MISSA ÀS 07H TERÇA ÀS 15H: CELEBRAÇÃO COM BÊNÇÃO DE SÃO BRAZ DOMINGO: ÀS 07H30, 10H30 E 19H CAPELA JESUS CRISTO RESSUSCITADO: SEGUNDO SÁBADO DO MÊS: MISSA ÀS 16H CAPELA SAGRADA FAMÍLIA: TERCEIRO SÁBADO DO MÊS: MISSA ÀS 16H

GRUPO DE ORAÇÃO MATRIZ: SEXTA-FEIRA: ÀS 20H CAPELA SAGRADA FAMÍLIA: TERÇA-FEIRA: ÀS 20H LEGIÃO DE MARIA MATRIZ: TERÇA E QUINTA: ÀS 15H ENCONTRO DE BATISMO MATRIZ: PRIMEIRO SÁBADO DO MÊS: 15H APOSTOLADO DA ORAÇÃO MATRIZ: PRIMEIRA SEXTA-FEIRA DO MÊS: HORA SANTA ÀS 14H, MISSA ÀS 15H E REUNIÃO ÀS 15H30 TERÇOS E NOVENAS MATRIZ - TERÇO DOS HOMENS: TODOS OS DOMINGOS, ÀS 18H CAPELA JESUS CRISTO RESSUSCITADO:

QUARTA-FEIRA: ÀS 19H30 (N. SRA. PERPÉTUO SOCORRO) CAPELA SAGRADA FAMÍLIA: QUARTA-FEIRA: ÀS 19H30 (N. SRA. PERPÉTUO SOCORRO) GRUPO DE JOVENS E ADOLESCENTES MATRIZ: SÁBADO: ÀS 16H EQUIPE DE LITURGIA MATRIZ: ÚLTIMO SÁBADO DO MÊS: ÀS 15H30 OUTROS MATRIZ: PASCOM - TERCEIRA QUARTA-FEIRA DO MÊS: DAS 20H ÀS 21H AA - ALCOÓLICOS ANÔNIMOS: QUARTA-FEIRA ÀS 20H


Curitiba.outubro.2011 MOMENTOS 3

Calendário Litúrgico

Artigo

Aprender a escutar a Palavra de Deus

MÊS DE OUTUBRO/2011-ANO A (MÊS DEDICADO ÀS MISSÕES E AO ROSÁRIO)

“A Igreja é uma comunidade que escuta e anuncia a Palavra de Deus” (Bento XVI).

02/10 – 27º DOMINGO DO TEMPO COMUM “ARRENDARÁ A VINHA A OUTROS VINHATEIROS!” Leituras: Is 5, 1-7; Salmo 79; Fl 4, 6-9; Mt 21, 33-43.

No mês de setembro comemoramos o mês da Bíblia, mês especial em que ela recebe destaque em muitas de nossas celebrações. Findado o mês penso que seja bom refletir sobre um importante acontecimento: no dia 30 de setembro de 2010,Festa de São Jerônimo,foi lançado pelo Vaticano um importante documento:“Verbum Domini” (Palavra de Deus). Este documento que carrega a assinatura do Papa Bento XVI é dirigido a todos nós batizados e, como o próprio nome diz trata da “Palavra de Deus Na Vida e na Missão da Igreja”. Neleo Santo Padre nos esclarece que nosso Deus, o Deus que nos criou por amor é essencialmente um Deus comunicador que sempre esteve conosco, caminhando junto partilhando das nossas dificuldades. Fez-se presente ora enviando representantes, profetas, realizando sinais, prodígios e finalmente enviando seu próprio Filho, o Filho Amado. Rezar não é uma tarefa fácil, falar com Deus é uma coisa muito difícil, porém fomos criados por amor; para uma relação de amor com nosso criador e repito as palavras de santo Agostinho “Nosso coração está inquieto enquanto não repousa em Deus”. O santo Padre o Papa Bento XVI nos ensina que temos a Missão de ouvir e anunciar a Palavra de Deus. Aprendamos, pois a saboreá-la a estar com ela nos entreguemos a essa experiência gratuita e que tanto pode preencher nossa vida. Motivei-me a escrever este artigo depois de participar de um curso que me fez refletir muito sobre minha capacidade de es-

cutar Deus que me diz, me surpreendi como ainda tenho que aprender a rezar.O curso foi sobre a famosa Lectio Divina, um dos grandes tesouros datradição cristã de oraç ã o . Ouvir a Palavra de Deus nas Escrituras (Lectio Divina) é um modo eficaz de cultivar aamizade com Cristo. O encontro diário com Cristo e a reflexão sobre Sua Palavranos conduzem para além do mero conhecimento,para uma atitude de amizade, confiança eamor,fundamentais para a vida do cristão. Acolher a Palavra Divina na nossa vida e acolher o novo, a Boa nova de Jesus que pode transformar nossa realidade, que pode construir um mundo melhor a partir de nós. A lectio Divina compreende resumidamente quatro passos ou degraus: a lectio (leitura), a meditatio (meditação), a oratio(oração) e a contemplatio (contemplação). Formam a mesma experiência de fé vivida pelos primeiros cristãos, seu objetivo é a união com Deus. A experiência de Deus se fundamenta em uma experiência de encontro. O documento lançado pelo Papa chama nossa atenção para risco que corremos de na correria do dia a dia apenas nos lembrar de falar com Deus quando vamos à Igreja, ou talvez na hora da dificuldade. A Palavra de Deus é um meio, um presente que Deus nos deixou,

para nos lembrar de que Ele quer falar conosco, quer estar conosco todos os dias ‘A Palavra de Deus é viva e se dirige a cada um de nós no m o mento p r e sente da nossa vida’ (Bento XVI, 2010, p. 75). No livro de 1 Reis encontramos uma bela passagem em que Deus se encontra com Elias. Neste encontro Elias esperava ver Deus no alto de um monte. Elias não encontrou Deus no furacão violento, nem no terremoto, nem no fogo, mas quando se ouviu o murmúrio de uma brisa suave: O Senhor estava nela. Da mesma forma como sempre se comunicou e esteve junto do povo no passado hoje,o Senhor ainda esta esperando que nosso coração o procure na brisa suave que toca nosso rosto. O documento “Verbum Domini” nos questiona: Como a Palavra de Deus tem atingido meu viver? Onde tenho buscado orientação, “norte”, para minha existencia? Quais instrumentos tenho usado para cultivar minha amizade com o Senhor? Lembremo-nos, hoje em nossa vida, Deus se manifesta muitas vezes e de maneiras diferentes. Por vezes serve-se de acontecimentos extraordinários. Normalmente, porém, manifesta-se em nossa vida por meio de brisas suaves - isto é, de acontecimentos extremamente simples e que na maioria das vezes

não valorizamos é o Senhor que em toda sua riqueza e criatividade escolhe a maneira de se manifestar a nós. Precisamos educar nosso ser à sensibilidade, para ouvir o Deus que nos fala. Termino lembrando que o Senhor nos presenteia cada dia, com 24 horas, e somos responsáveis por essas horas. Diante disso faço o convite para que deixemos de lado a preguiça e o comodismo, ou a correria e o ativismo e façamos tempo para estar com Aquele que nos amou primeiro, que desde o ventre materno quer estar conosco. Vamos estar com ele na Igreja, na Palavra, estar com ele na oração com nossas famílias, enfim dar tempo a ele deixar que ele participe de nossas vidas. Vamos começar: Passos para a Leitura Orante Individual da Bíblia 1. Invocar o Espírito Santo 2. Realizar uma leitura lenta e atenta do texto escolhido; 3. Fazer um momento de silencio interior, lembrando o que leu; 4. Olhar bem o sentido de cada frase; 5. Atualizar e ruminar a Palavra, ligando-a com a vida; 6. Alargar a visão ligando com outros textos da Bíblia; 7. Ler novamente, rezando o texto e respondendo a Deus; 8. Formular um compromisso de vida; 9. Rezar um salmo ou oração apropriada; 10. Escolher uma frase como resumo para memorizar. Fonte: XVI, B. P. (2010). Verbum Domini . Roma : Paulinas. Enviado por Irmã M. Tânia.

09/10 – 28° DOMINGO DO TEMPO COMUM “MUITOS SÃO CHAMADOS, POUCOS ESCOLHIDOS!” Leituras: Is 25, 6-10a; Salmo 22; Fl 4, 12-14. 19-20; Mt 22, 1–14. 16/10 – 29º DOMINGO DO TEMPO COMUM “A CÉSAR O QUE É DE CÉSAR, A DEUS O QUE É DE DEUS!” Leituras: Is 45, 1. 4-6; Salmo 95; 1Ts 1, 1-5b; Mt 22, 15-21. 23/10 – 30º DOMINGO DO TEMPO COMUM DIA MUNDIAL DAS MISSÕES “AMAR OS OUTROS PARA AMAR A DEUS!” Leituras: Ex 22, 20-26; Salmo 17; 1Ts 1, 5c-10; Mt 22, 34-40. 30/10 – 31º DOMINGO DO TEMPO COMUM “A HIPOCRISIA DE PREGAR E NÃO PRATICAR!” Leituras: Ml 1, 14b-2, 2. 8-10; Salmo 130; Ts 2, 7b-9. 13; Mt 23, 1-12.

Prezada Comunidade, A partir deste mês você poderá consultar o balancete financeiro no mural em nossa Paróquia.

BALANCETE - MOMENTOS Agosto 2011 HISTÓRICO Recebimento de Anunciantes Pagamento a Editora Exceuni (Diagramação, Arte final e impressão - 3000 exemplares) Acumulado Anterior Saldo do Mês Saldo Acumulado

ENTRADA 1.420,00

SAÍDA

1.370,00 6.300,00 50,00 6.350,00


Curitiba.outubro.2011 MOMENTOS 4

EIC

Mensagem

Primavera Uma das Turmas da Melhor Idade da Escola de Informática e Cidadania EIC SÃO BRAZ / VILA MARIA que estão fazendo o Curso de Informática Básica, para comemorar o Dia da Primavera realizaram uma atividade especial. Cada um dos alunos escreveu uma mensagem no Word do dia da primavera e logo depois de compartilhar essas lindas mensagens, realizaram umas lindas e deliciosas flores com balas de goma. Estas foram as duas mensagens que ganharam o sorteio:

PRIMAVERA, ESTAÇÃO DA ALEGRIA E DO AMOR Chegou a Primavera, estação das flores, das arvores, dos cantos dos pássaros, da alegria entre as pessoas que se abraçam, se cumprimentam como se uma vida nova estivesse iniciando, começando, na verdade é um estado de espírito tão verdadeiro, tão positivo que os pensamentos bons se materializam. Enquanto uns plantam uma nova árvore, as aves fazem seus ninhos, se reproduzem. Na primavera o clima fica ameno, as nuvens se dispersam, o sol volta a brilhar com mais intensidade. As pessoas passeiam mais, viajam mais, fazem projetos, realizam sonhos. Rafael

Á Árvore é um ser vivo que nós devemos cultivar, pois ela nos oferece sombras, flores e frutos. Um versinho p/ o PARANÁ Quantos pinheiros por estas terras Encontra sempre á onde quer que vá Há um tão alto quanto a serras Outros pequenos tão verdes há Longe do mundo do mal da guerra Viver com eles que bom será Olha os pinheiros de minha terra Lindos pinheiros do PARANÁ. Terezinha Por Bettina Osler

Vencer a corrupção com mobilização social

O Conselho Episcopal Pastoral (CONSEP), da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), reunido em Brasília de 20 a 22 de setembro de 2011, manifesta sua solidariedade e apoio às últimas manifestações populares contra a corrupção e a impunidade, que corroem as instituições do Estado brasileiro. A crescente interpelação da sociedade para melhor qualificar, social e eticamente, os seus representantes e outros poderes constituídos, se expressou como nova forma significativa do exercício da cidadania. Reveladora dessa consciência cidadã foi, além das atuais marchas contra corrupção, a mobilização durante a Semana da Pátria, que recolheu mais de 150 mil petições via internet em favor da campanha “Vamos salvar a Ficha Limpa”, fruto de ação popular que, neste mês completa um ano. Atentos para que estas mobilizações se resguar-

dem de qualquer moralismo estéril, incentivamos sua prática constante, com objetivos democráticos, a fim de que, fortificadas, exijam do Congresso Nacional uma autêntica Reforma Política, que assegure a institucionalidade do País. O Estado brasileiro deve fazer uso dos instrumentos legais para identificar, coibir e punir os responsáveis por atos de corrupção. Sem comprometimento ético, no entanto, será impossível banir de nosso meio a longa e dolorosa tradição de apropriação do Estado, por parte de alguns, para enriquecimento de pessoas e empresas. Neste sentido, insistimos nas propostas apresentadas, em nota conjunta da CNBB com a Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) e Associação Brasileira de Imprensa (ABI), no dia da Pátria: “Para tornar vívido o sentimento de independência em cada brasileiro, devem os poderes eleger PRIORIDADES que reflitam a vontade da população, destacando-se: no Executivo, a necessidade de maior transparência nas despesas, a efetiva aplicação da lei que versa sobre esse tema, bem como a aplicação da “Lei da Ficha Limpa” aos

candidatos a cargos comissionados, que também deveriam ser reduzidos. No Legislativo, a extinção das emendas individuais ao Orçamento, a redução do número de cargos em comissão, o fim do voto secreto em todas as matérias e uma reforma política profunda, extirpando velhas práticas danosas ao aperfeiçoamento democrático. No âmbito do Judiciário e do Ministério Público, agilidade nos julgamentos de processos e nos inquéritos relativos a crimes de corrupção e improbidade por constituírem sólida barreira à impunidade, bem como o imediato julgamento da Ação Declaratória de Constitucionalidade sobre a Lei Complementar n. 135/2010 (Ficha Limpa)”. Que o Espírito Santo ilumine todos os que, no exercício de sua cidadania, trabalham pela construção de um Brasil novo, justo, solidário e democrático. Fonte: Site CNBB Cardeal Raymundo Damasceno Assis. Arcebispo de Aparecida. Presidente da CNBB. Dom Sergio Arthur Braschi. Bispo de Ponta Grossa. Vice-Presidente da CNBB Ad hoc. Dom Leonardo Ulrich Steiner. Bispo Auxiliar de Brasília. Secretário Geral da CNBB.


Curitiba.outubro.2011 MOMENTOS 5

Obras e Obreiros Por Graciele Muraro

Catequista até quando Deus permitir No mês de Nossa Senhora Aparecida, nada mais justo do que contar a história de uma obreira que tem a vida dedica a Ela. Clair Franceski Santana nasceu em Canoinhas. Ainda criança, ela e sua família se mudaram para a cidade da Lapa. “Depois nos mudamos novamente, agora para Campo Largo. Lá meu pai tinha um moinho e também tínhamos plantação de milho, feijão, batata e várias outras coisas”. Das lembranças dos pais Caetano Franceski e Margarida Slompo Franceski, e dos oito irmãos, a que mais marcou Clair, era o terço, diariamente rezado pela família. Em outubro de 1962, Clair se casou com José Damasio Santana, na Paróquia de Nossa Senhora da Piedade, no município onde residiam. E então Nossa Senhora os agraciou com três filhos: Sonia, Joilson e Janete. Que deram ao casal cinco netos: Kelaram, Guilherme, Gustavo, Brian e Michele, esta que Jesus levou consigo aos 12 anos de idade, por um aneurisma cerebral. “A Michele estava sempre na igreja. Participava da catequese, era coroinha”, lembra a avó. E a família continua a crescer com a chegada dos bisnetos Arthur e Flávia Mel.

Davi, Jane e Flavia

Clair veio morar no quese”. E para Clair o tra- que o trabalho está sendo bairro São Braz e logo balho como catequista só bem feito. O fato de ter começou a participar da para quando Deus man- pouco estudo nunca asparóquia. Há exatos 25 dar. “Vou catequizar até sustou Clair. Muito pelo anos, seu esposo José Deus permitir”, garante. contrário. Só mostra o faleceu. A perda foi suPara Clair é uma graça quanto é generoso o coperada com a ajuda de ver seus catequizandos ração de Nossa Senhora. Nossa Senhora, que nun- frequentando as missas e “Nossa Senhora Apareca deixou de acompanhar participando das pastorais cida está sempre a minha os passos de Clair. Então na igreja. Este é o sentido frente, sempre guiando ela, que trabalhava em um da catequese e ver o re- meus passos”. pensionato, resolveu mu- sultado positivo mostra dar de emprego e voltar sua carreira a Jesus Cristo. E não poderia ter dado tão certo. “Fiquei 15 anos na liturgia, 13 anos como Ministra da Eucaristia e estou há mais de 20 anos dando cate- Clair, no canto direito, com uma de suas turmas de catequese

Adir e Sonia

Anuncie no Momentos momentossb@gmail.com

Joilson e Gustavo

Clair e o neto Arthur

Kelaram, Arthur e Adriano

Guilherme e Gloria


Curitiba.outubro.2011 MOMENTOS 6

Dizimistas Aniversariantes de Outubro - Matriz RIZOLEIDE C. DE OLIVEIRA ........... 02/10 ROSA VIEIRA DA SILVA .................. 02/10 MARIO COSTA ............................... 02/10 LAURA BIGAISKI ............................ 03/10 NEUSA ANASTACIO....................... 03/10 ZELI MARIA MATTEI ...................... 03/10 ADELAIDE TRIGO DE CASTRO ...... 03/10 MARIA BUENO DOS SANTOS ........ 04/10 ZENO COHENE ............................. 05/10 MARIA B. DE OLIVEIRA .................. 05/10 TEREZINHA AP. DOS SANTOS ....... 05/10 ELIANA M. B. DE LEMOS OLIV ....... 06/10 SILMARA LEAL BASTISTA ............... 06/10 NEIDE LUIZ ................................... 07/10 ANA CLARA MACHADO ................ 08/10 JOAO DE PAULA VIEIRA ................. 09/10 TEREZINHA PAULA FARIA .............. 10/10 MARIA APARECIDA FRACARO........ 10/10 NEORALDO C. CARDOSO.............. 13/10 MARCILIO GOMES CORREIA .......... 14/10 ILDA BALDO ................................. 14/10 MARLI BERTOPELI MUNIZ ............. 14/10 OGLAIR G. DE .............................. 15/10 ANDRESSA MIRIAM CARDOSO ..... 18/10 CLEUSA MARIA DE RAMOS ........... 18/10 VERA LUCIA CHUKEVICZ .............. 19/10 JOSE LEOMAR DA SILVA................. 19/10 LUIZ FERNANDO CARON .............. 19/10 MARIA GRASIELA S. ESTIVES ........ 20/10 CELINA SAIOKO G. YAEDA ............ 21/10 MARIA CELINA DA SILVA .............. 21/10 WILTON FRANCO DE LIMA ........... 21/10 PAULO R. T. COLONIEZI .............. 21/10 MARIA IRENE OST BENTO ............. 22/10 ANAZIR CAMPOS MIRA ................. 22/10 JOSE DE LIMA FILHO ..................... 23/10 IVONE GRANDE DE FREITAS.......... 23/10 JOSE CARLOS DANCINI ................. 25/10 TEREZINHA R. BONCEWICZ ......... 25/10 KEELI L. L. DAS CHAGAS ............... 25/10

JOSE QRUBER ................................ 26/10 RODRIGO LISBOA ANTUNES ......... 26/10 CLAUDIA S. R. DA SILVA ................ 27/10 JAIR DAS CHAGAS LIMA ................ 27/10 JOSE MIRANDA DA SILVA .............. 27/10 EMILDE AGUSTINI ......................... 27/10 MARIA AP. MARCENIUK ............... 28/10 NEIDE T CUMAN MURARO............ 28/10 FRANCISCO VIEIRA DA SILVA......... 28/10 MANUEL O. S. DE SOUSA .............. 29/10 JOSE SPAKI..................................... 30/10 LUIZ ORLANDO OLENSKI .............. 30/10 SEVERINO STELA ........................... 31/10 LUIZ AURELIO PEREIRA VILELA...... 31/10 MARIA DO ROCIO BORBA ............. 31/10 ESMERALDINA L. DOS SANTO ...... 31/10 JOSE FRANCISCO DA SILVA............ 02/10 LUCIA M. C. DE ALMEIDA.............. 06/10 FRANCISCA M. DOS SANTOS ........ 08/10 AGLAIR MARIA M. TOALDO .......... 08/10 LUISA SZYMCZAK ......................... 09/10 CIMARA L. DO P. BARBARINI ......... 10/10 MARIA E. BRAZ DE AGUIAR ......... 10/10 ARISTIDES LOPES DA SILVA ........... 10/10 MARIA BORODIAK KARAS ............. 10/10 IARA APARECIDA NEVES................ 12/10 DILMA RAFAEL ALVES ................. 19/10 MARIA ROSA DOS SANTOS ......... 19/10 MARIA BELLO DOS SANTOS ......... 20/10 MARIANA PAGANOTTO ................ 21/10 IVONE GON€ALVES MOREIRA ....... 22/10 VERA LUCIA CYLKR BARBOZA ....... 23/10 CRISTINA T. S.DE C. CARV ............. 25/10 ELIZABETE STELLA RIBEIRO .......... 25/10 ROSELI DE ALMEIDA ..................... 25/10 VILMA RITA NUNES M QRUBER ..... 25/10 OSNEI GARANHANI ....................... 26/10 NEIDE T. CUMANN MURARO......... 28/10 MARIA ELIZABETE B.MURARO ...... 31/10

A Paróquia de São Braz parabeniza os Dizimistas aniversariantes do mês de Outubro! “Dízimo, bênção para quem entendeu a lei de Jesus: amar a Deus e aos irmãos”.

Aniversariantes de Casamento Outubro - Matriz DANIELE ESPIRITO S. DE BRITO e FABRICIO PARREIRA DOS SANTOS ............... 02/10 SEBASTIAO M. DE ANDRADE e ARONI DO ROCIO DE ANDRADE .................... 04/10 VALMIR LAFRAIA e VANDA PEREIRA ROSA LAFRAIA ......................................... 06/10 DEJANIRA MOREIRA DE OLIVEIRA e ARI DE OLIVEIRA ...................................... 07/10 ANDRE DE SOUZA CARVALHO e CRISTINA TATIANE S.DE C. CARV ................. 12/10 MARCOS JOSE SANTO e LUCIANE LELL SANTOS .............................................. 12/10 ERNESTO MACIEL DE MELO e CIRENE MACIEL DE MELO ................................. 13/10 SUELI C. DOS SANTOS e CLAUDINEI DO AMARAL ........................................... 20/10 JOSE DE LIMA FILHO e MARIA JOSE DE LIMA ................................................... 21/10 ANTONIO DOS SANTOS e MARIA ROSA DOS SANTOS .................................... 22/10 LUIZ CARLOS COSTA e SUZANA PAULUT COSTA ............................................. 23/10 SIGISMUNDO L. DAS CHAGAS e MARILENE BRYK DAS CHAGAS ...................... 26/10 JOSE QRUBER e VILMA RITA NUNES M QRUBER ............................................... 27/10 JERONIMO F. DOS SANTOS e FRANCISCA MOREIRA DOS SANTOS ................... 27/10 ALGACIR SMANHOTO e ROSI MARI SMANHOTO ............................................. 27/10 VALDEMAR GEVARD e IOLANDA GEVARD ........................................................ 28/10 MARIANA PADILHA DE MORAIS e VILSON JARENTO ........................................ 29/10 Eventuais erros de datas de aniversário, procurar a secretaria paroquial na Matriz.

Artigo

Salvo pela gentileza Conta-se uma história de um empregado em um frigorifico da Noruega. Certo dia ao término do trabalho foi inspecionar a câmara frigorifica. Inexplicavelmente, a porta se fechou e ele ficou preso dentro da camara. Bateu na porta com força, gritou por socorro, mas ninguém o ouviu, todos já haviam saído para suas casas e era impossível que alguém pudesse escutá-lo. Já estava quase cinco

horas preso, debilitado com a temperatura insuportável. De repente a porta se abriu e o vigia entrou na câmara e o resgatou

com vida. Depois de salvar a vida do homem, perguntaram ao vigia: Porque foi abrir a porta da câmara se isto não fazia parte da sua rotina de trabalho?

Ele explicou: Trabalho nesta empresa há 35 anos, centenas de empregados entram e saem aqui todos os dias e ele é o único que me cumprimenta ao chegar pela manhã e se despede de mim ao sair. Hoje pela manhã disse “Bom dia” quando chegou. Entretanto não se despediu de mim na hora da saída. Imaginei que poderia ter-lhe acontecido algo. Por isto o procurei e o encontrei... Pergunta: Será que vc seria salvo? Retirado da internet.


Curitiba.outubro.2011 MOMENTOS 7

Pastoral da Comunicação

Dízimo Por Diácono Daniel

Novena: Promessa e Gratidão Quando alguém faz uma novena à Virgem Maria ou ao Santo(a) da sua devoção para que interceda junto a Deus a seu favor, é porque tem um firme propósito para a sua vida ou para alguém muito querido(a): quer alcançar uma Graça de Deus. Se for para o bem, que não venha a prejudicar a santificação e salvação da pessoa, Deus na sua infinita misericórdia e amor, em seu tempo; sempre concede a Graça, muito melhor do que a pessoa desejava. Em atitude de agradecimento a Deus, após ter alcançada a graça; uns rezam, outros acendem velas, outros entram na Igreja caminhando de joelhos no chão, outros compra centenas de santinhos para distribuir, alguns fazem dezenas de fotocópia de orações e deixam nos bancos das igrejas, muitos estão utilizando a Internet para fazer corrente de orações, e assim por diante. Nada contra estas atitudes ou formas de agradecimentos!

O que podemos notar é que esta atitude de agradecer a Deus é muito cômoda e um tanto egoísta, pois a pessoa agraciada só está satisfazendo as suas conveniências. O que agrada a Deus é quando, a pessoa sai do seu comodismo e egoísmo, e em sinal de gratidão a Deus, ajuda alguém ou entidades assistências, que estão passando momentaneamente por algumas necessidades. Tomando esta atitude, a pessoa que recebeu a graça de Deus, torna-se uma benção para os outros. Há outra forma ainda mais sublime de gratidão e que comove profundamente o coração de Deus. É quando alguém com sinceridade e fé, faz uma novena propondo a seguinte promessa: Senhor, se for para o meu bem conceda-me esta graça que tanto necessito (fazer o pedido), depois de recebida esta graça, com muito amor e gratidão, todos os meses, irei contribuir com o dízimo na minha Comunidade. Porque comove o coração

de Deus? Simplesmente porque a pessoa não está comodamente e nem egoisticamente pensando só na sua conveniência e bem estar familiar, mas está prometendo a Deus, que vai contribuir com o dízimo para que a Igreja possa organizar e estruturar melhor as pastorais, para que o Padre tenha condições melhores de ministrar os Sacramentos, assistir os pobres e a manutenção dos bens móveis e imóveis da Comunidade em que participa; mais ainda, com o dízimo estará contribuindo para a manutenção dos seminários e formação de novos padres, missionários(as) e por meio deles, a Palavra de Deus possa ressoar em todos os lugares e penetrar em todos os corações para que cresçam na fé, no amor a Deus e ao próximo e principalmente todos alcancem a salvação eterna. Quando a pessoa que recebe de Deus a graça tão almejada, e como gratidão, ela transforma a graça em

dízimo e oferece ao Senhor, todos se beneficiam: o que recebeu a graça, a Comunidade que recebeu o dízimo, a Igreja de um modo geral e consequentemente haverá a expansão do Reino de Deus no mundo. Como poderá Deus ficar indiferente a um pedido diante desta promessa, quando feita com sinceridade, fé e amor, onde todos se beneficiam? Faça uma reflexão sobre a promessa (voto) que Jacó fez a Deus quando o mesmo estava passando por momentos difíceis em sua vida, e as bênçãos que Deus lhe concedeu (Gn 28, 20-22). A Paróquia de São Braz agradece a todos aqueles que generosamente e conscientemente, num ato de fé, desprendimento e amor, devolvem o seu dízimo e fazem suas ofertas, pedindo a Deus sua promessa de derramar sobre eles, suas famílias, seus trabalhos profissionais ou empresariais, bênçãos abundantes.

Mensagem

A coruja e o falcão Certa vez um homem observou uma coruja que estava junto à janela. Ela caiu e o distraiu da oração, mas ele não deu muito importância a ela. Nos outros dias, ele observou que a coruja permanecia naquele lugar e parece que se estabelecera ali. Notou que ela quase não se movia. Começou a incomodar-se com aquela ave, ela ocupava mais tempo de sua atenção que a oração. Como veio parar ali, se não comia e uma vez até chegou a mexer com ela para ver se realmente era uma coruja de verdade. De tanto observar, notou que a ave era cega e isso encheu mais ainda sua cabeça de perguntas. Até que um dia, notou

que um falcão entrava na igreja com algo entre os bicos. Eram algumas minhocas ou algum inseto e que servia de alimento para a coruja. Ele maravilhou-se com o que viu e chegou a coçar os olhos para ver se enxergava direito: O falcão entrava na igreja para alimentar a coruja, da mesma forma como faria com um de seus filhotes. Imediatamente o piedoso homem começou a louvar o Senhor e a se perguntar a razão de tamanho milagre. Jesus diz que Deus cuida até dos pássaros com o cuidado de um pai. O que não faria Deus por ele? Sentiu o coração vibrar ao perceber que Deus também cuidava dele com o mesmo carinho com que cui-

dava daquela ave. Refletiu e decidiu vender tudo o que tinha e colocar-se ao único cuidado do Senhor. Ponderou que era apegado demais aos seus bens e que Deus o chamava para viver uma vida de pobre ,dependendo unicamente da providência divina, pois ele valeria mais que milhões de coruja. Saiu de sua casa e colocou-se como mendigo na porta da mesma igreja que costumava freqüentar. No entanto começou a ter dificuldades. As pessoas o tinham conhecido como rico comerciante e não entendiam porque ele estava ali. Então o homem procurou o padre. Ao que o padre lhe perguntou:

– Você tem certeza que foi Deus quem lhe pediu para viver como mendigo? – Claro, a experiência com a coruja me mostrou que Deus sempre cuida de quem precisa, eu não tinha como duvidar! O padre o olhou serenamente e com muita compaixão lhe perguntou: – Você tem certeza que Deus o chamava a ser coruja? Não lhe estaria chamando a ser falcão? Deus nos tem chamado para sermos falcões, libertando pessoas, levando amor, consolo e sustento. Se você decidir assumir seu papel como falcão, Deus lhe conduzirá exatamente onde há uma coruja precisando de alimento. Retirado da internet.

Regina Mazuroski, coordenadora

Caros amigos: é com alegria que a equipe da Pascom agradece as pastorais, movimentos, capelas, associações e amigos que contribuem para a elaboração de cada edição mensal do informativo Momentos, mandando fotos e artigos. Também agradecemos aos nossos amigos anunciantes que contribuem mensalmente permitindo a circulação gratuita do nosso informativo pelo bairro. Muito obrigado a todos! A equipe Pascom solicita a presença de um representante de cada pastoral, capela, movimento, associação e amigos para a reunião mensal que acontece na terceira quarta-feira do mês, às 20h00min, no centro catequético da paróquia. Sua presença é muito importante, pois com certeza você contribuirá conosco com ideias e novas opiniões. Você será muito bem vindo! Deus abençoe a todos! Amém!

Voz do leitor Ajude a melhorar nosso Informativo! Dê sua opinião! Críticas são sempre construtivas e ajudam a melhorar ainda mais este importante veículo de comunicação. Envie sua sugestão para momentossb@gmail.com ou deixe na secretaria paroquial.

Agradecimento Desde o primeiro exemplar do Informativo Momentos, a equipe da Pascom - Pastoral da Comunicação -, recebeu total apoio e inúmeras contribuições da então Capela Nossa Senhora do Bom Conselho. Foram diversas as matérias enviadas, as fotos publicadas e as boas sementes levadas a nossa comunidade. Hoje Paróquia, essa filha eterna, que criou asas e voou, dá seus próprios passos. Por isso, a coordenação da Pascom, em nome da Paróquia de Sã Braz, agradece pelos bons MOMENTOS que criamos juntos. Que Nossa Senhora do Bom Conselho continue lhes cobrindo com seu manto sagrado de bençãos.Obrigada!

GRUPO NOVO VIVER PARÓQUIA SÃO BRAZ R. Antônio Escorsin, 1860 Reuniões todas as Quartas-Feiras as 20:00h Os Grupos Familiares Al-Anon são uma associação de parentes e amigos de alcoólicos que compartilham sua experiência, força e esperança, a fim de solucionar os problemas que têm em comum. A família pode fazer muito para se ajudar, quer o alcoólico procure ajuda ou não.


Curitiba.outubro.2011 MOMENTOS 8

Pastoral Social Elizabete Muraro

O bazar foi novamente um sucesso! A Pastoral Social vem por meio desta agradecer a todas(os) que colaboraram com muita dedicação e carinho na organização e na realização do Bazar que foi realizado no dia 17/09/2011 com grande sucesso. Em especial a Pastoral Social agradece infinitamente a todos(as)

que colaboraram com as doações pois sem elas não teria sido possível o sucesso obtido. Lembramos que a renda obtida sera revertida toda em compra de alimentos e também para completar na festa das crianças que será realizada no dia 12/10/2011, no salão Paroquial .

Quanto a minhas escudeiras que sempre estão fieis no trabalho meu muito obrigado na ajuda da realização com muito exito. Enfim, que Deus recompense a todos em muita PAZ e muita Saúde. AMÉM. Confira algumas fotos da preparação e do dia do bazar.


Curitiba.outubro.2011 MOMENTOS 9

Catequese Por Catequista Simone Weber Pereima

Workshop bíblico catequético No dia 4 de setembro de 2011, no colégio Bom Jesus aconteceu o Workshop Bíblico Catequético reunindo as paróquias de Curitiba e região metropolitana, presidido pelo Padre Roberto Nentwig com colaboração do Padre Rivael e Irmã Lurdinha. O evento iniciou às 8:00h com animação e momento orante com o Padre Roberto Nentwig e culminou com a palestra do Padre Luis Eduardo Baronto falando sobre a Dei Verbum a Verbum Domini.Redescoberta da palavra de Deus na vida da Igreja. A palavra de Deus deve aparecer em lugar central na vida da Igreja, recomendando que se incremente a “Pastoral Bíblica”, não em ju-

Abertura com a espiritualidade

staposição com outras formas da pastoral, mas como animação bíblica da pastoral inteira. Não se trata de acrescentar qualquer encontro bíblico na paróquia ou na diocese, mas de verificar que nas atividades habituais das comunidades cristãs, nas paróquias, nas associações e nos movimentos, se tenha realmente o encontro pessoal com Jesus Cristo que se comunica a nós na sua palavra. (VD,73). No período da tarde aconteceram oficinas, os participantes escolheram até quatro temas para se aprofundarem e diversificar a animação bíblica na pastoral catequética, com as experiências de outras paróquias. Foram dezesseis temas apresentados com muita criatividade e

Catequistas na oficina do Setor (esquerda) Sandra, Marlei, Simone, Rosi, Celina e Eraiza, também participaram do evento as catequistas Elaine, Ana Rita e Maria Flor.

responsabilidade pelos integrantes dos setores de Curitiba. A Paróquia de São Braz foi representada por nove catequistas, integrada ao Setor Santa Felicidade apresentou o tema - Dinâmicas Bíblicas na Catequese, foi uma das oficinas mais visitadas, a

Palestra com Pe. Luiz Baronto

Oficinas

procura era tamanha que se formava filas para a entrada dos participantes. O evento terminou com a Santa Missa presidida por D.Rafael Biernaski. Foi impossível não se encontrar com Jesus neste Domingo!

Por catequista Carmem Mendes

Se olharmos atentamente, deficiente é quem enxerga as necessidades do mundo e permanece indiferente a elas. DEFICIÊNCIA Deficiente é quem pode ouvir boa música, mas prefere ouvir fofocas. Deficiente é quem acredita que o seu problema é o maior do mundo e desaprende a dádiva que é sorrir. Deficiente é quem tem a opção de ler um bom livro, mas opta por pichar muros. Deficiente é quem pode abraçar, mas cruza os braços. Deficiente é quem pode motivar, mas agride. Deficiente é quem pode ver o azul do céu, mas foca no cinza da calçada. Deficiente é quem não perdoa a si mesmo por se acreditar infalível. Deficiente é quem transforma o sexo em pecado e explora-o sem respeito. Deficiente é quem não presta atenção à própria vida, mas se incomoda com a vida alheia. Deficiente é quem vive para as aparências e esquece a essência. Deficiente é quem acomoda o seu semelhante nos recônditos da caridade e não o ensina a voar com as próprias asas. Deficiente é quem busca na inveja alheia a auto realização. Deficiente é quem impõe o seu ponto de vista aos demais e chama isso de autenticidade. Deficiente é quem prefere condenar com sarcasmo a orientar com carinho. Deficiente é quem não consegue enxergar os limites alheios e os invade sem constrangimento. Deficiente é quem se orgulha da sua religião e esquece que o caminho para a divindade atende pelo nome de humildade. Deficiente é quem julga ser melhor do que o seu semelhante, esquecendo-se que todos têm talentos únicos e indispensáveis perante a vida. Deficiente é quem sente ressentimento frente ao sucesso alheio. Deficiente é quem agride a Mãe Terra e não compreende que ela é um grande útero que acolhe amorosamente a todos nós. Deficiente é aquele que só se preocupa em confiar em Deus sem se preocupar se Deus também pode confiar nele. Deficiente é quem não consegue entender qual é a sua missão de vida e desperdiça a própria existência com ilusões. Deficiente é quem rasteja na preguiça ao invés de se fortificar na força de vontade. Deficiente é quem se compara aos outros e perde o encantamento frente a si mesmo. Deficiente é quem vive reclamando da vida enquanto há tanto para se maravilhar. Deficiência origina-se de déficit, de falta... De falta de amor genuíno, falta de intimidade e de generosidade consigo mesmo. Tornamo-nos déspotas diante do mundo quando enrijecemos os nossos corações frente a nós mesmos. Então tome cuidado, esteja atento, cultive o jardim da sua alma, plante girassóis no solo sagrado da sua alma, provoque sorrisos, bata no ombro do seu colega, não finja indiferença, estoure a bolha do individualismo, empreste o seu ombro, o seu humor, o seu melhor. Acenda a sua luz, pouco importa se ela é uma vela, um lampião ou um grande farol, ilumine! Quando você menos perceber o que parecia ser uma deficiência em si mesmo ou no outro era apenas um ponto obscuro que ainda não havia sido acolhido e compreendido, mas que estava ali, silencioso, pronto a ser descoberto e transformado.


Curitiba.outubro.2011 MOMENTOS 10

Artigo

Pastoral Familiar Por Rita Ortega

Notícias da Pastoral Familiar

A Pastoral Familiar colocou à disposição da comunidade duas capelinhas com a Sagrada Família para perigrinarem nas famílias. As pessoas interessadas em recebê-las deverão entregar seus nomes na secretaria ou com uma das pessoas da pastoral. Todo o terceiro domingo do mês às 10:00 horas antes da missa nos unimos em oração para rezar o terço pelas famílias. Um terço meditado especialmente para às famílias e lembramos que família que reza unida permanece unida. Sempre neste terceiro domingo temos à disposição da comunidade uma caixinha onde as famílias colocam suas intenções e são levadas ao altar do Senhor e durante o mês todo o grupo de oração

de nossa paróquia segue na súplica e oração das mesmas. Estamos à disposição da comunidade para ajudar no que for necessário e lembramos que o futuro passa pela família, pemaneçamos em oração e confiantes entreguemos nossa família à interseção da Mãe, suplicando: CONSAGRAÇÃO DOS FILHOS À NOSSA SENHORA: Ó boa Mãe Três Vezes Admirável, que és a Mãe do Filho de Deus e que adotaste a nós como filhos, tu compreendestes muito bem quão sublime, grandiosa e bela é a missão que nos foi confiada como pais de família. Nas nossas mãos, Deus colocou o futuro da Igreja e da sociedade. A nós, deu o poder de colaborar com Ele na criação, na educação e na formação dos homens de amanhã. Cientes da nossa responsabilidade e conhe-

cendo a realidade da vida, sentimo-nos incapazes de por nós próprios realizar a grande missão que nos foi confiada. Por isso, Mãe, cheios de confiança, ajoelhamonos diante de Ti para te confiar e consagrar nossos filhos. Tu bem sabes a quantos perigos eles estão expostos e como o mundo e o demônio os perseguem querendo destruir neles a dignidade de filhos de Deus e lançá-los na lama do pecado! Mãe, suplicamos-te humildemente: Vem em auxílio dos nossos filhos e revela neles a tua admirável arte de educar. Acolhe-os no teu bondoso coração. Assiste-os e ampara-os em todas as dificuldades, sobretudo nas horas de tentação. Conserva-os puros e ensina-lhes a lutar sempre pelo bem. Estende-lhes tua mão e guia-os para Deus. Afasta-os das más companhias e livra-os de todo mal. Guarda neles a graça santificante que receberam no batismo e não permitais que venham a ofender a Deus pelo pecado grave.

Querida Mãe, zela por nossos lares e por nossos filhos. Cuida que jamais nos falte o pão material e o alimento espiritual. Faz crescer em todos nós a fé, a esperança e a caridade. Suscita entre nós costumes cristãos de oração, prática de boas obras e espírito de sacrifício. Ajuda-nos a Ter sempre atitudes cristãs de caridade fraterna, perdão mútuo e solidariedade. Sê tu a Mãe e a educadora de nossos filhos. Que eles vivam realmente como filhos de Deus. Encaminhanos na vocação que o Pai celeste previu para eles desde a eternidade. Guiaos pela vida e acompanhaos na hora da morte. Ajuda-nos, Mãe, para que nós, pais, sejamos para nossos filhos verdadeiras imagens de Deus, a fim de que eles encontrem em nós todo o apoio, amor, segurança e compreensão de que necessitam. Vem, fica conosco no nosso lar. Torna-o semelhante ao lar de Nazaré, onde reine sempre a paz, a união, a alegria e o amor. Amém. A paz!

Festa em louvor a Nossa Senhora do Equilíbrio Dia: 16/10/2011 Programação: 10h30min – Santa Missa 12h – Almoço (Serve duas pessoas. R$ 22,00 compra antecipada e R$ 25,00 no dia). Alcatra ou Costela de porco com acompanhamento: risoto, maionese e saladas) Jesus e Maria lhe esperam e nós também! Informações: Fone:(41) 3285-6634 (Rua Amadeu Piotto, nº 4505 – Jardim Gabineto)

Guilherme Freitas

Sorria! Muitas pessoas já devem ter recebido um email com o titulo de “qual é a sua experiência?” de uma famosa redação feita em um processo seletivo para uma suposta vaga em uma grande empresa. Ao me deparar com esse texto, me surgiu a seguinte duvida: Ser Plantador de sorrisos é uma boa experiência? Já passei por tanta coisa nessa vida, já chorei, já sofri, Já fui guerreiro, já lutei pela minha vida e venci. Em contrapartida Já lutei pela vida de pessoas que eu amava e não consegui vencer. Já me senti herói e já me senti derrotado. Mas acabei descobrindo que os heróis também podem chorar e sangrar e que nem sempre eles vencem. Existem pessoas que não se importam para esse tipo de experiência, que preocupam-se tanto com experiências com grandes empresas, estudar várias línguas, cobiçar a tão sonhada promoção que acabam esquecendose desse “plantar sorrisos.” Ninguém será tão rico ou poderoso que possa viver sem sorrir ou fazer outros sorrirem. Um sorriso cria felicidade no lar, é vantajoso nos negócios, e é a pedra fundamental da amizade. Já tive experiência que me exigiram uma segunda língua, já tive experiências que me exigiram uma beleza que eu não sei se eu tinha, já tive experiências que me exigiram um talento diferencial, já tive experiências que me exigiram uma graduação, mas a

minha melhor experiência é exigida pela tão inexplicável vida. Concordo que muitas vezes levamos alguns “golpes” da vida que preenchem todo nosso espaço impossibilitando a abertura de um sorriso. Pois a vida é assim mesmo, nela tudo se renova a cada dia e a cada segundo. Ela nos permite que possamos sorrir e segundos depois chorar. Por isso que quando alguém estiver muito cansado para lhe dar um sorriso, de a essa pessoa um sorriso seu, pois ninguém necessita mais de um sorriso do que aquele que não tem nenhum para dar. O sorriso tem um valor quando é espontâneo, não pode ser comprado, roubado, emprestado, implorado e nem pedido. Tem que ser natural e sincero. Ler esse texto da experiência me fez perceber que não posso parar de sorrir. Estou começando a sorrir novamente, estou descobrindo que o sorriso ajuda-nos a superar qualquer coisa, até mesmo a perda de alguém especial. E quando o sorriso vem das pessoas que você ama ele se torna muito mais valioso. O sorriso cria uma energia positiva a sua volta, o sorriso mostra a alguém que você sentiu saudade. O sorriso mostra a alguém que você se importa. O sorriso mostra a alguém que você ama. Não vamos esperar mais, vamos sorrir e o mundo sorrirá para nós. Bora sorrir muitoooo, é de graça mesmo...e o lucro é incalculável.


Curitiba.outubro.2011 MOMENTOS 11

Santo do Mês Silmara Moreira

12 de outubro - Nossa Senhora da Conceição Aparecida

Há duas fontes sobre o achado da imagem, que se encontram no Arquivo da Cúria Metropolitana de Aparecida (anterior a 1743) e no Arquivo Romano da Companhia de Jesus, emRoma. A história foi primeiramente registrada pelo Padre José Alves Vilela em 1743 e pelo Padre João de Morais e Aguiar em 1757, registro que se encontra no Primeiro Livro de Tombo da Paróquia de Santo Antônio de Guaratinguetá. A sua história tem o seu início em meados de 1717, quando chegou a Guaratinguetá a notícia de que o conde de Assumar, D. Pedro de Almeida e Portugal, governador da entãoCapitania de São

Paulo e Minas de Ouro, iria passar pela povoação a caminho de Vila Rica (atual cidade de Ouro Preto), em Minas Gerais. Desejosos de obsequiá-lo com o melhor pescado que obtivessem, os pescadores Domingos Garcia, Filipe Pedroso e João Alves lançaram as suas redes no rio Paraíba do Sul. Depois de muitas tentativas infrutíferas, descendo o curso do rio chegaram ao Porto Itaguaçu, a 12 de outubro. Já sem esperança, João Alves lançou a sua rede nas águas e apanhou o corpo de uma imagem de Nossa Senhora da Conceição sem a cabeça. Em nova tentativa apanhou a cabeça da imagem. Envolveram o achado em um lenço. Daí em diante, os peixes chegaram a fuzél para os três humildes pescadores. Por volta de 1734, o vigário de Guaratinguetá construiu uma capela no alto do morro dos Coqueiros, com a ajuda do filho de Felipe Pedroso ( que não queria construir

a capela no alto do morro dos coqueiros, pois achava mais fácil para o povo entrar na capela logo abaixo, ao lado do povoado) aberta à visitação pública em 26 de julho de 1745. Em 1834 foi iniciada a construção de uma igreja maior (a atual Basílica Velha). A 8 de setembro de 1904, a imagem foi coroada com a riquíssima coroa doada pela Princesa Isabel e portando o manto anil, bordado em ouro e pedrarias, símbolos de sua realeza e patrono. No dia 29 de Abril de 1908, a igreja recebeu o título de Basílica Menor, sagrada a 5 de setembro de 1909 e recebendo os ossos de são Vicente Mártir, trazidos de Roma com permissão do Papa. Nossa Senhora da Conceição Aparecida, foi proclamada Rainha do Brasil e sua Padroeira Oficial em 16 de julho de 1930, por decreto do papa Pio XI, sendo coroada. Pela Lei nº 6.802 de 30 de junho de 1.980,

foi decretado oficialmente feriado no dia 12 de outubro, dedicando este dia a devoção. Também nesta Lei, a República Federativa do Brasil reconhece oficialmente Nossa Senhora Aparecida como padroeira dos Católicos do Brasil. Em 1967, ao completar-se 250 anos da devoção, o Papa Paulo VI ofereceu ao Santuário a “Rosa de Ouro”, gesto repetido pelo Papa Bento XVI que ofereceu outra Rosa, em 2007, em decorrência da sua Viagem Apóstolica ao país nesse mesmo ano, reconhecendo a importância da santa devoção. Em 4 de julho de 1980 o papa João Paulo II, em sua histórica visita ao Brasil, consagrou a Basílica de Nossa Senhora Aparecida, o maior santuário mariano do mundo, em solene missa celebrada, revigorando a devoção à Santa Maria, Mãe de Deus e sagrando solenemente aquele grandioso monumento construído com o carinho e devoção do povo brasileiro.

Outros Santos do mês de Outubro 1. Santa Teresinha do Menino Jesus, São Remígio ou Rémy. 2. Santo Anjo da Guarda. 3. São Francisco De Borja, São Dionísio Areopagita, B. José Marmion 4. São Francisco de Assis, São Petrônio. 5. São Benedito, Sta Maria Faustina Kowalska, B Francisco X Seelos 6. Santo Bruno. 7. Nossa Senhora do Rosário, Santa Osita. 8. Santa Pelágia, Penitente, 9. São Luiz Bertân, São João Leonardo, São Dionísio. 10. São Paulino de York, São Francisco Borja, São Daniel Comboni 11. Santo Alexandre Sauli, João XXIII, papa Bemaventurado 12. Nossa Senhora Aparecida Padroeira do Brasil, São Serafim. 13. São Eduardo III, B. Alexandrina Maria da Costa, São Daniel e comp. 14. São João Ogilvie, Mártir, São Calisto I, Papa, São Burchardo. 15. Santa Tereza d´Avila. 16. Santa Margarida Maria Alaquoque, Sta Edwiges, São Geraldo Majela 17. Santo Inácio de Antioquia, São Rodolfo. 18. São Lucas Evangelista. 19. São Paulo da Cruz, São João de Brébeuf, São Pedro de Alcântara. 20. Santa Maria Bertilla Boscardin. 21. Santa úrsula e compaanheiros, Santo Hilarião. 22. São Donato, Beato Contardo Ferrini 23. São João de Capistrano. 24. Santo Antônio Maria Claret, Luis Guanella. 25. Santo Antônio de Sant’ Anna Galvão, São Gaudêncio São Crispim. 26. Santo Evaristo Papa. 27. São Frumêncio, Santo Elesbão 28. São Judas Tadeu e São Simão Apóstolos. 29. São Narciso e Bem-Aventurado Caetano Errico. 30. São Germano, Beata Retistuta Kafka Irmã Maria Resoluta. 31. Santo Afonso Rodrigues e São Wolfgang.


Curitiba.outubro.2011 MOMENTOS 12

Artigo

Legião de Maria Por Walter Proença

Por que é tão difícil se arrepender? Arrependei-vos, portanto, e convertei-vos, para serem apagados os vossos pecados.” (Atos 3,19) Essa passagem dos Atos dos Apóstolos é dura, porém verdadeira para nós. Veja irmãos, que Pedro não diz somente arrependeivos, mas diz arrependeivos e convertei-vos. Muitos podem estar dizendo que é a mesma coisa e que São Pedro foi redundante. Mas a verdade é que arrependimento e conversão são coisas completamente distintas para quem realmente usa da fé para a compreensão das coisas. Eu posso me arrepender e não me converter; e insanamente me “converter” sem me arrepender. Mas para termos a Deus de verdade a Palavra nos diz: ARREPENDEI-VOS E CONVERTEI-VOS; porque só assim estaremos agarrando de fato a verdadeira fé em Jesus Cristo e não seremos iludidos pelo inimigo. Quantas vezes não vemos o Sacramento da Confissão sendo banalizado pelas pessoas. É triste saber que as pessoas usam de “brincadeira” a confissão apenas “confessar por confessar” e não se arrependem. Esses podem ser chamados de “convertidos” ou falsos convertidos. Melhor dizendo, é aquela pessoa que confessa já tendo o desejo de voltar ao pecado, e pior ainda, que não sabe ou não dar o devido valor a uma confissão. Quantas vezes as pessoas não dizem que pode pecar a vontade que é só confessar antes de morrer que estará tudo bem. Eu já presenciei pessoas de den-

tro da Igreja falando isso. Diria que isso é uma falta de arrependimento e escravidão do pecado. Além

E as pessoas que se arrependem e não se convertem? E não digo apenas de quem muda de vida

de ser também pecado de presunção, que segundo consta de uma palestra do Padre Paulo Ricardo, é pecado contra o Espírito Santo; ou seja, sem perdão pelo fato de si só não ter como o perdão chegar. E as pessoas que se arrependem e não se convertem? E não digo apenas de quem muda de vida e tem as famosas frases: não acredito em confissão; creio em Deus, mas não tenho religião; religião não salva; ah porque “Jeová”; ah porque Jesus já morreu por mim então estou salvo; etc. Como são comuns as pessoas pecarem, se arrependem, não querem mais pecar, mas ai fracas por não perseverarem em oração acabam voltando a cair em pecado por achar que já que a natureza humana é pecar, então vai lá e peca. Mas pecar é humano, mas se escravo do pecado é insano.

e tem as famosas frases: não acredito em confissão; creio em Deus, mas não tenho religião; religião não salva; ah porque “Jeová”; ah porque Jesus já morreu por mim então estou salvo; etc. Como são comuns as pessoas pecarem, se arrependem, não querem mais pecar, mas ai fracas por não perseverarem em oração a c a b a m voltando a cair em pecado por achar que já que a natureza humana é pecar, então vai lá e peca. Mas pecar é humano, mas se escravo do pecado é insano. O título deste texto é “Por que é tão difícil se arrepender?” e realmente eu gostaria de saber. Acho que o principal motivo das pessoas não se arrependerem de fato das suas iniqüidades é o fato de não olharem para a cruz de Jesus Cristo. Se olhassem para aquele Deus que se fez homens para que fizéssemos parte de sua divindade, pregado

em uma cruz, já sem forma humana de tanto que foi judiado por nós... Ah, como um coração se arrepende ao ver a redenção dada por Deus. Mas devemos parar de olhar para Jesus como uma “garantia” de salvação, e passar a vê-lo como a salvação que bate a porta. Porque Ele padeceu e morreu naquele cruz por todos, mas nem todos serão dignos de fazer parte do Reino porque não acolheu perfeitamente a Sua Palavra, nem acolheu a Sua vontade. E preferiu assim viver o deleite do pecado. Só para reforçar para quem discorda, diz o Evangelho o seguinte: “Nem todo aquele que me disser: Senhor, Senhor, entrará no Reino dos Céus, mas sim aquele que faz a vontade de meu Pai, que está nos céus.”(Mateus 7,21) – Até porque, é óbvio que a vontade de Deus não é mandar Seu Filho único para a terra para padecer por Seu povo, e esse povo continuar vivendo uma vida pagã, uma vida de pecado. Muitos vivem como se Deus não existisse, ou como se Deus fosse alguém que está apenas na mente ou coisa parecida. As pessoas esquecem que Deus fez uma mudança de Divindade para humanidade, para que nós fizéssemos a mudança de pecadores para Filhos de Deus. No entanto, agimos muitas vezes como se nada disso tivesse acontecido. Por isso lembremos: ARREPENDEI-VOS E CONVERTEI-VOS! Sem conversão, não há arrependimento!!

Gemma Lucca Escorsin

Mês Mariano por excelência O mês de outubro é para a Igreja Católica em todo o mundo, o período no qual são intensificadas as iniciativas de informação, animação e cooperação em prol da MISSÃO universal. O objetivo é promover e despertar a consciência e a vida missionária cristã, as vocações missionárias, bem como promover uma coleta mundial para as Missões, para o sustento de atividades de promoção humana e evangelização no mundo inteiro, sobretudo nos países onde os cristãos são ainda minoria e assim promover as necessidades mais urgentes. No dia 1º de outubro celebramos a memória de Santa Terezinha do Menino Jesus, a grande missionária que, com suas orações e sacrifícios, conseguiu levar muitas almas a Deus .Dizia Santa Terezinha: “ Passarei o meu céu fazendo o bem aqui na terra”. Portanto, sua missão continua. O mês de outubro é especialmente dedicado à Virgem Maria com o título de NOSSA SENHORA DO ROSÁRIO . A LEGIÃO DE MARIA tem como arma preciosa o ROSÁRIO e, como dever de consciência, a reza do TERÇO todos os dias. O Rosário não é simplesmente uma sequência de orações mas sim um momento em que nos concentramos na meditação e aprofundamento dos mistérios da Vida, Paixão e Morte de Nosso Senhor Jesus Cristo. Feliz a pessoa que reza o TERÇO todos os dias. Nossa Senhora sempre foi venerada pela Igreja pois é impossível ser amigo de Jesus e não amar e venerar sua Santa Mãe. 12 de outubro – Dia de NOSSA SENHORA APARECIDA - Sabemos que não foi uma aparição mas que sua Imagem foi encontrada por pescadores, no rio Paraiba do Sul. Eles a pescaram recolhendo separadamente a cabeça e depois o corpo, das águas do rio. Por isso o nome Aparecida, “ Aquela que apareceu nas águas”. Rezemos com devoção pedindo à Mãe Aparecida bençãos para cada um de nós e proteção para o povo brasileiro. Procuremos imitar as virtudes de Maria principalmente a humildade, a fé, a submissão à Vontade de Deus para merecermos a sua proteção. SALVE MARIA!!!


Curitiba.outubro.2011 MOMENTOS 13

Artigo

PASCOM Valmir Lafraia

Mensagem Que a paz de Nosso Senhor Jesus Cristo o Amor de Maria e a força do Espírito Santo esteja com todos, amados este mês vamos meditar juntos três mensagens que nos ajúdará a nos aprosimarmos mais de Deus a dos irmãos. Tema da Mensagem 01: Reze pelas pessoas que te perseguem Quando dispomos o nosso coração para abençoar as pessoas com as quais convivemos, a luz de Cristo vem sobre nós e passamos a enxergar a vida e as pessoas com uma nova visão. Muitas vezes, as nossas amarguras, os nossos dissabores, os ressentimentos, as mágoas, o negativismo e as críticas obscurecem a nossa visão e o nosso coração e, assim, nos tornamos incapazes de ver as coisas como, de fato,elas são. Somos convidados por Deus a olhar para nós mesmos, para as pessoas e para o mundo que nos cerca com o olhar de Jesus. Somente com o auxílio da graça divina somos capazes de perceber o que há de belo na vida, mesmo quando as dificuldades batem à nossa porta. Cultivemos o bom humor, a alegria e a disposição de amar e abençoar a todas as pessoas.

Hoje não pode ser mais um dia na nossa vida. Façamos hoje um firme propósito de abençoar e falar de ânimo, de consolo e de bênção para o nosso próximo. Pode ter certeza de que, ao agir dessa forma, você será o primeiro a ser beneficiado pela graça de Deus. Rezemos pelas pessoas que nos perseguem, que nos desprezam, que nos criticam, por aguelas que falam mal de nós e de quem temos antipatia. “ Quero, portanto, que em todo lugar os homens façam a oração, erguendo mãos santas, sem ira e sem discussões “ ( I Tm 2,8 ). Tema da Mensagem 02: Você está cansado de perdoar? Quem se sente assim é porque não perdoa há muito tempo! Isso significa que quanto mais nós perdoamos, tanto mais sentimos forças e desejo de perdoar. Infelizmente, quando pouco ou nunca perdoamos, sentimo-nos fracos. Amor exercitado assim é fonte geradora de muita energia para que jamais nos cansemos de amar, perdoar, sorrir, acolher... O cansaço de perdoar é simplesmente fruto da falta de perdão! Portanto, ao praticá-lo ( perdão ) não nos cansamos

nunca. Tema da Mensagem 03: Sempre é tempo de voltarmos O Senhor está sempre nos chamando para estarmos ao lado d’Ele. Jesus, que é a própria misericórdia encarnada, nunca desiste de nós; Ele continua batendo à porta do nosso coração até que tenhemos a coragem de abrir e deixáLo entrar para cear conosco. Sempre é tempo de voltarmos para o Senhor. “ Volta ao Senhor e deixa os teus pecados, suplica em sua presença e diminui as tuas ofenças “ ( Eclo 17,21-22 ). Somente vivendo próximos ao Senhor seremos capazes de acolher e demostrar misericórdia por aqueles com quem convivemos e que vêm ao nosso encontro. Peçamos ao Senhor a graça de sermos misericordiosos e compassivos como Ele é. ´Peçamos ao Espírito Santo que, neste dia que se chama hoje, renove toda a nossa vida e encha o nosso coração com os seus Dons. “ Ó vinde, Espírito Criador, as nossas almas visitai e enchei os nossos corações com vossos dons celestiasi “. Que Deus vos Abençoe.

Oficina sobre Comunicação e Expressão reúne cerca de 45 agentes paroquiais No dia 15 de setembro, a Pastoral da Comunicação arquidiocesana (PASCOM) realizou na Cúria Metropolitana mais uma edição do Encontro de Comunicadores com a oficina “Comunicação e Expressão”. A oficina foi ministrada por uma profissional de Marketing e agente da PASCOM, Aparecida Ramos, e teve como objetivo promover nos participantes o autoconhecimento e a desinibição através de

atividades de expressão corporal, facial e vocal. Padre Rivael de Jesus Nacimento, coordenador da Ação Evangelizadora da Arquidiocese, deu início ao encontro com a entrada da Bíblia e, em seguida, proferiu algumas palavras de incentivo sobre a ousada e delicada tarefa de comunicar Jesus Cristo nos dias de hoje. Cerca de 45 pessoas participaram do curso. O Encontro de Comunicadores é uma das ações

promovidas pela PASCOM, que acontece sempre nas terceiras quintas-feiras de cada mês, às 20h, na Cúria. O Encontro visa capacitar agentes da Liturgia, Catequese, PASCOM e demais pastorais no sentido de uma comunicação eficaz para auxílio no trabalho de evangelização na Arquidiocese, além de promover a interação entre as comunidades paroquiais. Fonte: Arquidiocese de Curitiba.

A Igreja de São Braz participou do evento com dez paroquianos.


Curitiba.outubro.2011 MOMENTOS 14

Artigo

Amigos da Natureza Ademir Muraro

Por Maria Isabel Keegan

Estruturas e Valores

Gotas de Salvação (3) “Paro você entender esta mensagem é necessário ter lido as duas ultimas edições deste informativo”. Reforçando, para entender bem: A culpa:É apagada SOMENTE pela confissão e a absolvição,feitas apenas por um sacerdote católico,que para isso recebe do próprio Jesus o poder de perdoar pecados (Jô 20,23).É mais ou menos como se Deus dissesse:Para Mim filho,você não deve mais nada;vai e não torne a pecar!(Jô 8,11) Deus SEMPRE perdoa,mas somente a aqueles que a Ele recorrem contritos, humildes e profundamente arrependidos. Deus somente pode ser misericordioso, com quem usa de misericórdia. Ele não perdoa a quem não pede!Misericórdia é só para quem a Suplica! Por isso Ele diz:fora os hipócritas!Quer dizer,Deus NÂO pode perdoar,a quem a ELE deixa de recorrer, a quem não lhe pede perdão através do seu sacerdote,até sob pena de Se contradizer,pois outorgou aos consagrados,aqui na terra,este poder. A mesma coisa seria,se o patrão desse uma ordem ao empregado e ele próprio agisse de outra forma, na frente dele.Por aí se pode ver que só os orgulhosos não pedem perdão a Deus. O dano: Ora, sabemos que o pecado é a causa de todo o mal.Quer dizer, o pecado de cada um de nós é fonte do mal que acontece a todos,pois se não houvesse nenhum pecado no mundo, não havia mal nem maldade,nem dor doença em pessoa alguma. Como conseqüência ,mesmo depois de o pecado ter sido confessado ao sacerdote,e absorvido em

nome de Deus quanto à culpa,resta ainda o dano a ser reparado. A Justiça Divina precisa então ser satisfeita,pela reparação completa do mal causando aos irmãos .E isso nem sempre se consegue apenas pelo cumprimento da penitência imposta pelo sacerdote.Porque quase nunca ela é cumprida com devoção.nem há uma contrição verdadeira.nem um arrependimento profundo ou promessa radical de mudança de vida.A maioria das poucas confissões de hoje.é mecânica,apressada e mal feita ! Resta então quase sempre.ainda um saldo de dano a ser reparado. A soma destes danos e a gravidade deles é que vai determinar o tipo de expiação exigida das penas do Purgatório. Assim, se a pessoa não reza o suficiente em vida,para obterás “pedras”ou as “graças”capazes de saldar aqui na terra todas as suas dívidas,quanto vai à eternidade precisa antes expiar essas faltas. Eis então que a espera o Purgatório. Como ali, ela não pode rezar por si mesma, torna-se “mendiga” de regras,se não rezam daqui por ela Se pessoas rezam por elas,vai ao céu mais rápido!Se não rezam ela pode passar séculos lá!É o que acontece com muitos evangélicos, que não rezam pelas almas. Vê-se então que o Purgatório,longe de ser um castigo,é um verdadeiro abismo da divina misericórdia, pois se o pai não permitisse este intercambio incrível de graças,entre padecentes ,glorificados e nós os militantes,quase não haveria santos no céu. Mas demônios haveria, e muitos! Fonte: Livro Confessar-se.

Quando você vai construir uma casa, a primeira coisa na qual você pensa, é na sua estrutura: que ela seja bem construída, segura,firme e confortável. Por que? Porque ela vai abrigar um Valor inestimável: a sua família. Com isto, quero dizer que toda estrutura seja ela material, social, política ou religiosa existe para abrigar e proteger um Valor. A estrutura social, por exemplo, existe para estabelecer regras e leis para proteger a convivência em sociedade. Aqui entram os serviços de proteção, segurança, educação, saúde, lazer,enfim serviços que garantam o bem-estar da sociedade e que são mantidos pelos impostos arrecadados. A estrutura política existe para garantir os direitos e cobrar os deveres do cidadão no seu aspecto político e de governo. Em nossa sociedade esta estrutura existe para defender e proteger a DEMOCRACIA que é o poder do povo exercido, fiscalizado e direcionado em favor de todos.Infelizmente o valor

democrático se esvaziou tanto a ponto de se converter num jogo de poder, justamente por aqueles que deveriam exercê-lo em nome do povo que os elegeu. Essa triste realidade nós conhecemos muito bem. Basta assistir aos noticiários, ler os jornais e revista e.....ficar deprimido. A estrutura religiosa, criada pelas várias Igrejas, tem o fim de anunciar e vivenciar os valores pelos quais foram fundadas. Na Igreja Católica o Valor supremo é o seguimento de Cristo que é protegido também por um conjunto de regras, costumes e leis(chamadas canônicas) com o fim de organizar e direcionar os seus seguidores para uma vida pautada pelos valores cristãos que Jesus resumiu em dois grandes mandamentos: o amor a Deus e o amor ao próximo. Como Jesus mesmo afirmou neles está contida toda a LEI. Este é o VALOR que toda a estrutura da Igreja tem a Missão de proteger,viver e difundir com a finalidade de criar, segundo o sonho de Jesus,

um novo estilo de convivência fundamentada no amor, no respeito à justiça, ao direito, à bondade, à solidariedade, à partilha do que temos de bom em nossas vidas e em nossos corações. Isto implicaria numa consciência nova no relacionamento humano. Toda estrutura, com o tempo, ganha força, poder e, na maioria das vezes, torna-se mais importante que o Valor que ela deveria proteger e difundir e perpetuar. Nas igrejas, em geral, e na nossa , em particular,isto ocorre quando a vivência dos valores evangélicos se esvazia tornando a religião um conjunto de práticas religiosas. Então a oração que deveria ser “Um colóquio amoroso com Deus”, como dizia Santa Tereza,tornase repetição de fórmulas decoradas,mecânicas, vazias de fé e devoção. Nesse sentido, a Missa é, para muitos cristãos, um dever e não o encontro fraterno dos irmãos para uma refeição em comum com Jesus e, depois, concretizado no abraço

da paz, cuja finalidade é a reverência respeitosa e amorosa, no irmão, da centelha divina que está presente em cada um de nós. Quando a fé dinamiza a prática religiosa o Valor cristão se manifesta de maneira visível a ponto de nos transformarmos naquilo que Jesus afirmou: “Vós sois a Luz do mundo”. Uma Luz que se manifesta, que é visível. Então a prática religiosa ganha sentido e força transformadora. Uma estrutura forte demais, mata o Valor. Isto ocorre na vida política, social e religiosa. As leis se multiplicam e se fortalecem e o Valor se esvazia. Como cristãos, temos o sagrado dever de proteger os valores evangélicos contra o comodismo, o hábito, o mecanicismo e o costume que matam a vivência religiosa e a tornam inoperante em nossas vidas. Está na hora de acordar. Toda ação transformadora começa na base, quero dizer, nas paróquias. Sejamos LUZ como queria Jesus. Para isso, vivamos o cristianismo de maneira consciente , responsável e vivificado pela fé.

Para refletir

Arrogância Um oficial da Polícia Federal vai a uma fazenda, em Formiga, MG, e diz ao dono, um velho fazendeiro: - Preciso inspecionar sua fazenda por suspeita de plantação ilegal! O fazendeiro diz: - Sim senhor, mas não vá naquele campo ali - e aponta para uma certa área. O oficial, cheio de arrogância, diz indignado: - O senhor sabe que tenho o poder do governo federal comigo? E tira do

bolso um crachá mostrando ao fazendeiro: - Este crachá me dá a autoridade de ir onde quero, e entrar em qualquer p ro p r i e d a d e . Não preciso pedir ou responder a nenhuma pergunta. Está claro? Me fiz entender? O fazendeiro todo

educado pede desculpas e volta para o que estava fazendo. Pouc o s minutos depois o fazend e i r o ouve uma gritaria e vê o oficial do governo federal correndo para salvar sua própria vida perseguido pelo “Santa Gertrudes”,

o maior touro da fazenda. A cada passo o touro vai chegando mais perto do oficial, que parece que será chifrado antes de conseguir alcançar um lugar seguro. O oficial está apavorado. O fazendeiro, mineirinho muito educado e solícito, larga suas ferramentas, corre para a cerca e grita com todas as forças de seus pulmões: - Seu crachá! Mostra o seu CRACHÁ pra ele...!!! Retirado da internet.


Curitiba.outubro.2011 MOMENTOS 15

Anunciante do mês Por Graciele Muraro

Loja das Esquadrias

Em 1995 foi inaugurada em nosso bairro a Loja das Esquadrias. Comandada por Estevão Fabienski dos Santos, a empresa comercializa portas, janelas e esquadrias em geral. O bom atendimento aos clientes e o cuidado com o material oferecido são prioridades na Loja das Esquadrias. Por isso trabalham com as melhores marcas existentes no mercado, como: Sassazaki, Stan, Arouca, Jr esquadrias, Ótima portas, ESL portas, Tambosi es-

quadrias, entre outras. Atualmente, a loja tem diversificado seu atendimento fazendo vendas também pela internet. Não perca tempo! Qualidade, variedade e ótimos preços você encontra na Loja das Esquadrias! A empresa funciona de segunda a sexta-feira das 8h15 às 18h, e aos sábados 8h30 às 12h30. “Lembrando que não fechamos para o almoço”, lembra Estevão. Ou entre em contato pelo site www.lojadasesquadrias. com.


Curitiba.outubro.2011 MOMENTOS 16

Mensagem

Dia das crianças Folheto do Domingo!

Todos os domingos à tarde, depois da missa da manhã na igreja, o velho padre e seu sobrinho de 11 anos saíam pela cidade e entregavam folhetos sacros. Numa tarde de domingo, quando chegou à hora do padre e seu sobrinho saírem pelas ruas com os folhetos, fazia muito frio lá fora e também chovia muito. O menino se agasalhou e disse: -Ok tio (padre), estou pronto. ‘ E o padre perguntou: -’Pronto para quê?’: -’Tio, está na hora de juntarmos os nossos folhetos e sairmos. ‘ O padre respondeu: -’Filho, está muito frio lá fora e também está chovendo muito. ‘ O menino olhou surpreso e perguntou: -’Mas tio, as pessoas não vão para o inferno até mesmo em dias de chuva?’ O padre respondeu: -’Filho, eu não vou sair nesse frio. ‘ Triste, o menino perguntou: -’Tio, eu posso ir? Por favor!’ O padre hesitou por um momento e depois disse: -’Filho, você pode ir. Aqui estão os folhetos. Tome cuidado, filho. ‘ -’Obrigado, tio!’ Então ele saiu no meio daquela chuva. Este menino de onze anos caminhou pelas ruas da cidade de porta em porta entregando folhetos sacros a todos que via. Depois de caminhar por duas horas na chuva, ele estava todo molhado, mas faltava o último folheto. Ele parou na esquina e procurou por alguém para entregar o folheto, mas as ruas estavam totalmente desertas. Então ele se virou em direção à primeira casa que viu, e

caminhou pela calçada até a porta e tocou a campainha. Ele tocou a campainha, mas ninguém respondeu. Ele tocou de novo, mais uma vez, mas ninguém abriu a porta. Ele esperou, mas não houve resposta. Finalmente, este soldadinho de onze anos se v i ro u para ir embora, mas algo o deteve. M a i s uma vez, ele se virou para a porta, tocou a campainha e bateu na porta bem forte. Ele esperou, alguma coisa o fazia ficar ali na varanda. Ele tocou de novo e desta vez a porta se abriu bem devagar. De pé na porta estava uma senhora idosa com um olhar muito triste.Ela perguntou gentilmente: -’O que eu posso fazer por você, meu filho?’ Com olhos radiantes e um sorriso que iluminou o mundo dela, estepequeno menino disse: -’Senhora, me perdoe se eu estou perturbando, mas eu só gostaria de dizer que JESUS A AMA MUITO e eu vim aqui para lhe entregar o meu último folheto que lhe dirá tudo sobre JESUS e seu grande AMOR. ‘ Então ele entregou o seu último folheto e se virou para ir embora. Ela o chamou e disse: -’Obrigada, meu filho!!! E que Deus te abençoe!!!’ Bem, na manhã do seguinte domingo na igreja, o Padre estava no altar, quando a missa começou ele perguntou: - ‘Alguém tem um testemunho ou algo a dizer?’ Lentamente, na última

fila da igreja, uma senhora idosa se pôs de pé. Conforme ela começou a falar, um olhar glorioso transparecia em seu rosto. - ‘Ninguém me conhece nesta igreja. Eu nunca estive aqui. Vocês sabem antes do domingo passado eu não era cristã. Meu marido faleceu a algum tempo deixando-me totalmente sozinha neste mundo. No domingo passado, sendo um dia particularmente frio e chuvoso, eu tinha decidido no meu coração que eu chegaria ao fim da linha, eu não tinha mais esperança ou vontade de viver. Então eu peguei uma corda e uma cadeira e subi as escadas para o sótão da minha casa. Eu amarrei a corda numa madeira no telhado, subi na cadeira e coloquei a outra ponta da corda em volta do meu pescoço. De pé naquela cadeira, tão só e de coração partido, eu estava a ponto de saltar, quando, de repente, o toque da campainha me assustou. Eu pensei: -’Vou esperar um minuto e quem quer que seja irá embora. ‘ Eu esperei e esperei, mas a campainha era insistente; depois a pessoa estava tocando também começou a bater bem forte. Eu pensei: -’Quem neste mundo pode ser? Ninguém toca a campainha da minha casa ou vem me visitar. ‘ Eu afrouxei a corda do meu pescoço e segui em direção à porta,enquanto a campainha soava cada vez mais alta. Quando eu abri a porta

e vi quem era, eu mal pude acreditar, pois na minha varanda estava o menino mais radiante e angelical que já vi em minha vida. O seu SORRISO, ah, eu nunca poderia descrevê-lo a vocês! As palavras que saíam da sua boca fizeram com que o meu coração que estava morto há muito tempo SALTASSE PARA A VIDA quando ele exclamou com voz de querubim:, -’Senhora, eu só vim aqui para dizer QUE JESUS A AMA MUITO. ‘ Então ele me entregou este folheto que eu agora tenho em minhas mãos. Conforme aquele anjinho desaparecia no frio e na chuva, eu fechei a porta e atenciosamente li cada palavra deste folheto. Então eu subi para o sótão para pegar a minha corda e a cadeira. Eu não iria precisar mais delas. Vocês vêem - eu agora sou uma FILHA FELIZ DE DEUS!!! Já que o endereço da igreja estava no verso deste folheto, eu vim aqui pessoalmente para dizer OBRIGADO ao anjinho de Deus que no momento certo livrou a minha alma de uma eternidade no inferno. ‘ Não havia quem não tivesse lágrimas nos olhos na igreja. o Velho Padre desceu do altar e foi em direção a primeira fila onde o seu anjinho estava sentado. Ele tomou o seu sobrinho nos braços e chorou copiosamente. Provavelmente nenhuma igreja teve um momento tão glorioso como este. Bem aventurados são os olhos que vêem esta mensagem. Não deixe que ela se perca, leia-a de novo e passe-a adiante. Lembre-se: a mensagem de Deus pode fazer a diferença na vida de alguém próximo a você. Retirado da internet.

Oração da criança Bom Pai do Céu, Permanecei sempre perto de mim, Fazei que Vos ame cada vez mais. Que o meu coraçãozinho de criança seja puro E que não haja lugar para a raiva. Que meus olhinhos estejam voltados somente para o Bem. Ó Deus! Afastai de mim pensamentos de qualquer maldade contra meus irmãos. Não permitais que da minha boquinha saia alguma mentira e nem palavras feias. Que a inteligência, em boa dose que me destes, seja em benefício da humanidade. Fazei que eu ame a todos os meus irmãos, amigos ou inimigos, bons ou maus, conhecidos ou não, os que eu encontrar durante toda a minha vida. Fazei, Senhor, que eu nunca venha a magoar o coração de meus pais que me tratam com tanto carinho e tanto amor. Senhor, dai-me vontade e coragem para cumprir o Vosso Mandamento, fazendo aos outros o que eu quero que os outros me façam. Que assim seja! Retirado da internet. Por Rita de Cássia Mineto

E neste mês tão especial, o Momentos mostra o rostinho de alguns anjinhos que já estiveram no jornal.


Momentos Outubro 2011