Page 1

RELATĂ“RIO

Socioambiental 2013


2

Carta do Presidente Temos a satisfação de apresentar o Relatório de Atividades Socioambientais realizadas em 2013 pela Scania Latin America. Este documento é um retrato do dia a dia vivido na unidade produção na cidade de São Bernardo do Campo, em São Paulo.

As iniciativas aqui registradas refletem diretamente

Temos ainda exemplos como o “Zero Acidente”.

os valores da Scania. Refletem também a busca

Lançado em 2012, o programa tem como objetivo

contínua pela melhoria de produtos e serviços, o foco

eliminar acidentes na empresa e fomentar condições

no cliente, no respeito para com o individuo e no zelo

de trabalho mais seguras, por meio da mudança na

com a qualidade de entrega de produtos, serviços e

maneira de pensar dos colaboradores e lideranças,

soluções em transporte.

com o envolvimento de todos. Em outubro de 2013,

Conforme mostram nossas ações, estamos empenhados em perseverar no desafio de desenvolver e conduzir projetos de inovação para reduzir as

os resultados já apontavam uma redução de 60% nos acidentes ocorridos dentro da empresa. Nenhuma ação, porém, aconteceria sem o

emissões do CO2 – participamos ativamente da

envolvimento dos nossos colaboradores. Aqui abro

construção de um transporte sustentável e esta deverá

espaço para agradecer a cada um pela dedicação de

ser uma valiosa contribuição, não apenas para o setor,

sempre! É motivo de alegria saber que contamos com

mas para a sociedade.

uma equipe que transforma trabalho em realização, por

Não temos dúvida que as boas práticas adotadas

isso identificar na pesquisa de clima interno que nada

pela Scania na América Latina constituem um dos

menos do que 91% dos colaboradores têm orgulho de

mais relevantes motivos do sucesso da companhia na

trabalhar na Scania é extremamente gratificante para nós.

região. Isto pode ser observado em pequenas ações

Mas é preciso manter esta posição, daí os

que culminam em grandes resultados, como o trabalho

investimentos em treinamento e capacitação,

realizado na Fábrica de Motores para a redução de

infraestrutura, equipamentos de alta qualidade, além

óleo hidráulico, obtendo como resultado uma economia

de ações com objetivo de estimular uma boa qualidade

de mais de 16 mil litros no processo de usinagem;

de vida, como os Programas de Alongamento e

0,5 litro para cada motor fabricado.

Reforço Muscular, Campanhas de Vacinação e

Outro exemplo está na área de KD (Knocked Down),

antitabagismo, entre outros.

onde quase 70 mil quilos de madeira e cerca de meia

Gostaria de finalizar esta carta convidando a todos

tonelada de plástico deixaram de ser usados apenas

a conhecer mais do que fazemos na Scania para nos

com a mudança e eliminação de algumas embalagens.

tornamos uma empresa líder em transporte sustentável

Na Fábrica de Cabinas, com a instalação de um equipamento chamado “Solvent Air”, reduzimos em até

e contribuir para um futuro melhor para o mundo! Boa leitura!

70% a quantidade de tíner utilizado na limpeza das mangueiras de pintura durante a troca de cor, o que também gerou redução de resíduo de solvente e a emissão de compostos orgânicos voláteis. Foi destaque também em 2013, o reconhecimento da AEA (Associação de Engenharia Automotiva) pelo nosso trabalho de regeneração de energia do banco de teste de motores. Algo que nos dá orgulho, pois sabemos que todos estão cada vez mais atentos às oportunidades de otimizar recursos.

RELATóRIO SOCIOAMBIENTAL Scania 2013

Per-Olov Svedlund Presidente Scania Latin America


Carta do Presidente

As iniciativas aqui registradas refletem a busca contínua pela melhoria de produtos e serviços, o foco no cliente, no respeito para com o individuo e no zelo com a qualidade de entrega de produtos, serviços e soluções em transporte.

RELATóRIO SOCIOAMBIENTAL Scania 2013

3


4

A Scania é um dos principais fabricantes mundiais de caminhões e ônibus para transporte pesado e de motores industriais e marítimos. Os produtos de serviços têm participação crescente nos negócios da empresa, assegurando aos clientes soluções de transporte econômicas e com alta disponibilidade operacional, a empresa também oferece serviços financeiros.

Scania 2014 2013


5

EMPRESA

06-23

MEIO AMBIENTE

42-49

07

O Trabalho Ambiental na Produção em 2013

43

Plataforma Estratégica

08

Uso de Matérias-Primas e Produtos Químicos

44

Política de Recursos Humanos

11

Energia

45

Identidade da Marca

13

Ar e Água

46

Mercado

14

Resíduos

47

Informações sobre a Scania Latin America

14

Eco-Indicadores

48

Grupo Scania

15

História da Scania no Brasil

17

Identidade Corporativa

RECURSOS HUMANOS

24-33

TECNOLOGIA E AMBIENTE DE TRABALHO

50-63

Tecnologia das Fábricas

51

Células de Trabalho

58

Desenvolvimento de Colaboradores e Centro de Recrutamento

25

SPS - Sistema de Produção Scania

60

Clima Organizacional

26

SRS - Scania Retail System

61

Perfil do Colaborador

28

Saúde e Segurança Ocupacional

62

Remuneração

32

Relações Trabalhistas

33

PRODUTO

34-41

ASSISTÊNCIA AO COLABORADOR

64-71

Gestão de Saúde

65

Gestão do Plano de Saúde

66 67

Tecnologia do Produto Scania

35

Serviço Social

Produtos

36

Outros Benefícios

68

Caminhões

36

Scania Clube

69

Ônibus

38

Alimentação

70

Motores

39

Transporte

71

Peças & Serviços

40

O PAPEL DA SCANIA NA SOCIEDADE

72-75

O Papel da Scania na Sociedade

73

Ação Social

74

Scania 2013


6

RELAT贸RIO SOCIOAMBIENTAL Scania 2013


7

EMPRESA Identidade Corporativa A identidade da Scania é algo que vai se formando com o tempo, moldada pelos nossos clientes, produtos e colaboradores. Ela reflete a mentalidade da Scania e a forma como agimos. Portanto, é fundamental que todos na organização sejam embaixadores da marca, baseados em nossos valores. Tudo feito pela Scania se torna parte da identidade corporativa. Os produtos Scania – veículos, serviços e financiamentos – são desenvolvidos para oferecer aos clientes alta lucratividade em suas operações. Os três valores fundamentais, que ligam a empresa e constituem a base da identidade, liderança e sucesso comercial da Scania, possibilitaram à marca representar alta qualidade e eficiência operacional. A Scania é uma marca premium que se define pela capacidade de gerar alta lucratividade para os clientes. Nossos esforços estão sempre voltados a fazer com que nossos clientes sintam orgulho de possuir e dirigir um Scania. A marca Scania deve gerar respeito profissional entre colegas, concorrentes e clientes. Também queremos que nossos clientes sintam confiança em seu investimento. Confiança é vital tanto no que diz respeito ao produto como na capacidade coletiva da Organização Scania. Tudo que os stakeholders da Scania associam à marca afeta a empresa, como os nossos produtos e serviços, nossas comunicações, o estado das nossas instalações e a forma como nos comportamos quando em contato com eles. A identidade corporativa e a imagem da marca são formados pelas percepções, experiências e opiniões de clientes, colaboradores, investidores, analistas, da mídia e da comunidade a nossa volta. Portanto, é essencial que a Scania cumpra com altos padrões éticos e ambientais, para que nossos colaboradores, parceiros, acionistas e outros stakeholders sintam confiança em nossa companhia e em nossa marca. O que um stakeholder diz ou faz pode afetar a percepção de outros participantes sobre a marca Scania.

RELATóRIO SOCIOAMBIENTAL Scania 2013


8

EMPRESA

Plataforma Estratégica Declaração Corporativa

e desenvolvimento, via produção e compras, até as

O objetivo da Scania é proporcionar a melhor

vendas, financiamento e prestação de serviços.

economia operacional aos nossos clientes, oferecendo produtos otimizados (caminhões pesados e semipesados, motores, ônibus e serviços), e, assim, ser a líder da nossa indústria. A base para este objetivo é formada por nossos valores fundamentais, nosso foco nos métodos e pelas pessoas dedicadas da Scania.

Respeito para com o Indivíduo Respeito para com o Indivíduo significa reconhecer e utilizar o conhecimento, experiência e ambição de cada pessoa, de modo a desenvolver e melhorar continuamente seus métodos de trabalho. As novas ideias e inspirações surgem das operações do dia a dia, onde os colaboradores da Scania desenvolvem

Valores Fundamentais

suas habilidades. O resultado é maior qualidade,

Os valores fundamentais da Scania incluem a cultura

eficiência e mais satisfação no trabalho.

de toda a organização e influenciam diariamente no nosso trabalho. “O cliente em primeiro lugar”,

Qualidade

“Respeito para com o indivíduo” e “Qualidade” estão

A alta rentabilidade do ciclo de vida do cliente exige

vinculados e se aplicam em uníssono, constituindo os

que a Scania entregue soluções de alta qualidade.

alicerces da Casa Scania e o ponto de partida para

Conhecendo as necessidades do cliente a Scania

todo o desenvolvimento de negócios.

melhora continuamente a qualidade de seus produtos e serviços. A eliminação de desperdícios

O Cliente em Primeiro Lugar

em toda a cadeia de valores é o meio pelo qual a

Por conhecer as operações comerciais de nossos

Scania garante que todas as entregas atenderão as

consumidores, a Scania é capaz de oferecer

expectativas de seus exigentes clientes. Os desvios

soluções que, em parceria com o cliente, visam a

em objetivos e padrões são usados como fonte

lucratividade sustentável. O foco é a operação do

valiosa de informação para melhorias contínuas em

cliente em toda a cadeia de valores: desde a pesquisa

diversos processos da Scania.

RELATóRIO SOCIOAMBIENTAL Scania 2013


Empresa

Filosofia A Scania tem uma filosofia global e se concentra mais nos métodos que nos resultados. Os resultados virão como consequência de se fazer a coisa certa. Para ter sucesso é essencial trabalhar continuamente as melhorias. Os valores fundamentais da Scania constituem o alicerce de sua identidade e comportamento comercial. Com base nos valores fundamentais, cada parte da empresa se concentra em estabelecer e melhorar seus princípios – um jeito comum de pensar. Eles devem ter o apoio dos métodos – um jeito comum de trabalhar. O resultado é avaliado e, se não atingir as expectativas, cada método de apoio é revisado e redesenvolvido, se necessário. Esta filosofia, que pode ser ilustrada pelo conceito da Casa Scania, possibilita uma alta qualidade, eficiência e precisão na oferta, quando aplicada em nosso trabalho diário.

Princípios Operacionais - a Casa Scania A Casa Scania é construída sobre nossos valores fundamentais. Existem quatro princípios comuns na Casa Scania: “Produção conforme a demanda”, “Situação normal”, “Correto a partir de mim” e “Melhoria contínua”. Juntos, os princípios formam um processo de trabalho contínuo e norteiam o pensamento com o objetivo de eliminar o desperdício e agregar valor ao cliente. Por meio da produção conforme a demanda, nada é produzido sem ter sido solicitado ou requerido pelo cliente. Definir uma situação normal significa estabelecer o processo de trabalho naquele momento específico, que é a primeira etapa para descobrir e eliminar desperdícios. O conceito de “correto a partir de mim” é posto em prática quando não se aceitam itens defeituosos e se certifica que tudo seja feito corretamente antes de ser enviado para a próxima etapa do processo. Para melhorar continuamente os nossos processos e a oferta ao cliente, todos os colaboradores da Scania contribuem com experiências e ideias para melhorar sua situação de trabalho. Os princípios comuns são complementados por vários subprincípios elaborados que variam de acordo com as diferentes unidades e ambientes. Consequentemente, a Casa Scania precisa estar adaptada às diferentes áreas dentro da empresa. RELATóRIO SOCIOAMBIENTAL Scania 2013

9


10

EMPRESA

Princípios de Liderança e Colaboração

ser acessível, claro, aberto e um bom ouvinte em sua

Os princípios são a base do nosso jeito comum de

posição de liderança – acreditar no que você faz e

pensar como líderes e colegas.

estimular os outros a agir.

• Trabalhe de forma independente, mas coordenada.

Responsabilidades da Liderança

Assuma responsabilidades. Significa pensar de forma

A liderança da Scania tem responsabilidade direta

independente, com funcionalidades cruzadas, tomando

por suas operações e seu pessoal. Ela também deve

iniciativas e ousando desafiar coisas, mas sempre

comunicar as expectativas da Scania com relação aos

respeitando as diretrizes e políticas da Scania.

seus colaboradores.

• Trabalhe com detalhes, compreenda o contexto.

Por meio da liderança, estimulamos cada colaborador

Envolve o equilíbrio entre os detalhes e o contexto.

a assumir a responsabilidade por seu próprio

Significa conhecer os detalhes da atividade,

trabalho, a se comportar de acordo com os valores

assumindo responsabilidade pelo seu trabalho e de

fundamentais da empresa, a contribuir para as

sua equipe, bem como pelo resultado, sempre com o

melhorias contínuas e a assumir a responsabilidade

intuito de agregar valor ao negócio como um todo.

por sua própria saúde e desenvolvimento. O bem-estar

• Faça agora, pense a longo prazo. Trata do

é fortalecido por um bom ambiente de trabalho e em

desenvolvimento da atividade e significa que deve-

progresso contínuo, sendo um pré-requisito para o

se agir aqui e agora, mas sempre mantendo as

desenvolvimento sustentável e uma Scania lucrativa.

necessidades futuras em mente. • Construa conhecimento através do aprendizado

A Scania vê a diversidade como um fator crítico de sucesso e se empenha em recrutar uma grande

contínuo. Envolve aprendizado e significa melhorar

variedade de colaboradores. Criar grupos de

a sua competência, assim como a de sua equipe, e

trabalho formados por colaboradores com diferentes

desenvolver o negócio questionando constantemente o

experiências aumenta consideravelmente a base de

que fazemos e como fazemos.

conhecimentos da Scania, melhora sua capacidade de

• Estimule o compromisso pelo envolvimento. Tem a ver com a cultura do local de trabalho e significa

RELATóRIO SOCIOAMBIENTAL Scania 2013

se dedicar a diferentes necessidades dos clientes e a fortalece a posição da empresa no mercado.


Empresa

Política de Recursos Humanos A Scania deve ser reconhecida como uma empregadora com colaboradores competentes e dedicados e que trabalham em um ambiente criativo e saudável, onde a diversidade e a abordagem ética sejam valorizadas.

Diretrizes da OCDE / Princípios Universalmente Aceitos nos Negócios Para a Scania existe uma forte conexão entre respeito para com o indivíduo, ética nos negócios, responsabilidade social e a marca. Com intuito de assegurar esta conexão, a Scania adota as diretrizes da OCDE - Organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico para empresas multinacionais, bem como os 10 princípios universalmente aceitos nos negócios definidos pelas Nações Unidas (UN Global Compact), que compreendem as áreas de Direitos Humanos, Relações Trabalhistas, meio ambiente e anticorrupção, ambas resumidas em seu Código de Conduta/Ética.

Doing Things Right (Fazendo a Coisa Certa) As orientações que norteiam os negócios da Scania são baseadas na integridade e na ética. Somos uma empresa de sucesso porque a confiança está no centro do nosso negócio e quanto mais global nos tornamos, mais importante é manter a confiança , a transparência e a ética “Top of Mind”. A Scania conta com um sistema de governança corporativa forte, um conjunto de regras e políticas comprometidas em seguir as leis estabelecidas, os quais compõem o ponto de partida para a forma como é abordada a ética nos negócios. O documento corporativo “Doing Things Right” orienta os colaboradores globalmente na busca de sempre fazer as coisas da forma correta, abordando:

Relacionamento com nossos Parceiros de Negócios • Representação • Conflitos de Interesse • Competição e antitruste

Relacionamento com Governo e Comunidade • Suborno e Corrupção • Patrocínios e doações

Ativos da Empresa e Integridade Financeira • Fraude • Uso de ativos da empresa • Contabilidade e Relatórios • Informações privilegiadas ou confidenciais • Propriedade intelectual

Empregados • Direitos Humanos e Direitos Laborais • Discriminação e Assédio Segurança, Saúde e Meio Ambiente

RELATóRIO SOCIOAMBIENTAL Scania 2013

11


12

EMPRESA

Regras de Conduta

• Utilização de áudio, vídeo ou fotos;

A Scania prima pela conduta correta de seus

• Prática de comércio paralelo;

colaboradores. O manual, onde essas regras são

• Orientação sobre apresentação pessoal;

reforçadas de forma clara e objetiva, é um documento

• Diversidade;

compartilhado com cada um de seus colaboradores. Nele

• Respeito com as pessoas;

o colaborador Scania é orientado nos seguintes pontos:

• Uso do estacionamento de colaborador;

• Confidencialidade das informações;

• Uso de equipamentos de proteção individual;

• Como e quando representar a empresa;

• Uso de celulares e outros equipamentos;

• Participação e uso das Mídias Sociais;

• Circulação interna na empresa;

• Segurança e manuseio da informação;

• Serviço de alimentação;

• Relações Comerciais / Conflitos de Interesse;

• Atividades políticas e sindicais;

• Entrada e saída de equipamentos;

• Encerramento do contrato de trabalho.

RELATóRIO SOCIOAMBIENTAL Scania 2013


Empresa

Identidade da Marca Por trás da marca Scania, há uma cultura empresarial

da marca têm ajudado a fazer da Scania uma das

que coloca o cliente sempre em primeiro lugar. O

empresas mais bem sucedidas do setor. A base dessa

respeito ao conhecimento, à experiência e ao desejo

rentabilidade é a fidelidade do cliente.

do colaborador de continuamente melhorar o seu desempenho são fundamentais na cultura da Scania. O foco na qualidade é constante em todos os níveis. Historicamente, a Scania oferece soluções técnicas testadas e confiáveis. Seu objetivo tem sido sempre apresentar um desempenho melhor que o dos concorrentes. Os produtos e serviços Scania devem ajudar os clientes a obter rentabilidades mais elevadas. Esse valor agregado baseia-se na experiência, na qualidade superior e na alta relação custo/

Orgulho e Confiança Scania é uma marca Premium. Nós trabalhamos para que nossos clientes sintam orgulho em possuir e dirigir um Scania. A marca Scania deve gerar respeito profissional entre colegas, concorrentes e clientes. Nós também queremos que nossos clientes sintam confiança em seu investimento. Confiança é vital tanto no que diz respeito ao produto como à confiabilidade na capacidade coletiva da Organização Scania.

benefício, contidos na marca Scania. A força e o valor

RELATóRIO SOCIOAMBIENTAL Scania 2013

13


14

EMPRESA

Mercado A Scania é historicamente uma referência entre os líderes na fabricação de caminhões pesados, ônibus

17.983 unidades emplacadas no Brasil. No mercado de ônibus, a empresa obteve

e motores industriais e marítimos no Brasil. A fábrica,

16,6% de participação no mercado total de ônibus

localizada em São Bernardo do Campo/SP, produziu

rodoviários, com 1.013 unidades emplacadas no

28.495 veículos em 2013, entre caminhões e ônibus e

Brasil.

2.471 motores industriais e marítimos.

Em 2013, a Scania comercializou no Brasil 2.259

Bem posicionada no mercado nacional de caminhões

motores industriais e marítimos. A marca é uma das

pesados, a Scania obteve 32,2 % de participação, com

lideres do segmento de motores entre 275 e 840 HP.

Informações sobre a Scania Latin America Área Total

414.481 m2

Área Construída

146.250 m2

RELATóRIO SOCIOAMBIENTAL Scania 2013


Empresa

Grupo Scania A Scania é um dos principais fabricantes mundiais de caminhões pesados e ônibus, além de motores industriais e marítimos. Suas unidades de produção estão localizadas na Europa e na América Latina e há instalações para montagem de veículos em países da África, Ásia e Europa.

Unidades de Produção Localizadas nos seguintes Países e Cidades

Suécia Argentina

Södertalje, Falun, Lulea, Oskarshamn e Sibbhult. Tucumán

Brasil

São Bernardo do Campo

França

Angers

Holanda

Zwolle

Polônia

Slupsk

Rússia

Saint-Petersburg

Unidades de Vendas e Serviços Ao todo, a Scania está representada em cerca de 100 países por meio de 1.000 distribuidores locais e 1.600 concessionárias.

Vendas e Unidades de Serviço 1.000 pontos de venda 1.600 concessionárias Mais de 95% de disponibilidade Assistência 24 horas

RELATóRIO SOCIOAMBIENTAL Scania 2013

15


16

EMPRESA

O Mundo Scania Södertälje Luleå St. Petersburg Oskarshamn

Slupsk

Zwolle Angers

Tucumán

São Paulo

Unidades de Produção

Vendas e Unidades de Serviço

Unidades de Produção

Ano de Fundação

País

1891

Suécia

1957

Brasil

1964

Holanda

1976

Argentina

1992

França

1993

Polônia

2010

Rússia

41.000 colaboradores em todo o mundo. RELATóRIO SOCIOAMBIENTAL Scania 2013


Empresa

História da Scania no Brasil Em 1957, o Brasil foi o país escolhido pela Scania

cor laranja característica, transformou-se em símbolo

para iniciar suas atividades fora da Suécia. Construída

do transporte rodoviário de cargas no Brasil. De 1976 a

oficialmente como Scania-Vabis do Brasil Motores

1981, a Scania comercializou no país 9.745 unidades

Diesel, produziu seu primeiro caminhão em 1958. No

desse modelo.

ano seguinte, saiu das linhas de montagem o primeiro

Logo após esse período, veio o lançamento da Série

motor brasileiro a diesel para caminhões. Anos depois,

2, com a introdução dos caminhões T112, R112, T142

em 1962, a fábrica da Scania foi transferida do bairro

e R142, com motores de 11 e 14 litros voltados ao

do Ipiranga, em São Paulo, para a cidade de São

mercado de caminhões pesados. Em 1989, a Scania

Bernardo do Campo, no ABC paulista. Em 1974, a

lançou as linhas HW e EW de caminhões, equipados

Scania lançou no mercado os caminhões LK140,

com motores de até 411 cavalo-vapor, os mais potentes

equipados com motor V8. Durante os 22 anos em

do mercado brasileiro na época. No ano seguinte, um

que foram fabricados, esses veículos foram os mais

caminhão produzido no Brasil foi a unidade de número

potentes de sua categoria.

600.000 produzida pela Scania no mundo. Em 1991,

O lançamento do caminhão L111, em 1976, marcou a introdução da Série 1 no mercado brasileiro. Com sua

a Scania introduziu a Série 3, com o lançamento dos caminhões T113 e R113. Dois anos mais tarde ocorreu RELATóRIO SOCIOAMBIENTAL Scania 2013

17


18

EMPRESA

o lançamento da cabina modelo “Top Line”, admirada

150 mil unidades. Para a fabricação dos primeiros 50

por muitos fãs da marca.

mil caminhões foram necessários 29 anos, de 1957 a

Em 1997, a Scania do Brasil foi a primeira montadora

1986. Apenas 10 anos mais tarde, a marca de 100 mil

na América Latina a receber a certificação ISO 14001,

caminhões seria atingida. Os outros 50 mil caminhões

referente ao meio ambiente. No ano seguinte, a Scania

foram produzidos entre os anos de 1996 e 2004,

lançou no mercado os veículos da Série 4, com eles

um intervalo de 8 anos, o que dá uma ideia do ritmo

chegam também os motores eletrônicos de 12 litros.

industrial acelerado da Scania ao longo do tempo.

Já em 1999, foram colocados no mercado brasileiro

O ano de 2005 foi dedicado à segurança nas

os primeiros ônibus para transporte urbano com piso

estradas, peças publicitárias, seminários de Transporte

baixo, L94 UB, e os primeiros motores marítimos

e Segurança e a primeira edição do MMCB - Melhor

eletrônicos de 12 litros.

Motorista de Caminhão do Brasil - fizeram parte da

A empresa atingiu em 2000 uma importante marca

campanha “Educação para a Segurança”. Com mais

histórica: a produção do veículo pesado de número 1

de 11 mil inscritos, o MMCB consagrou no dia 30

milhão da Scania no mundo. O milionésimo veículo, um

setembro o catarinense Marcos Antônio Simioni,

caminhão, foi doado à Cruz Vermelha Internacional.

então com 35 anos, como o melhor motorista de

Seu bloco de motores foi fabricado pela Scania do

caminhão do Brasil. Ainda em 2005, na FENATRAN

Brasil. Em 2001, a Scania retomou a produção de

(Feira Nacional dos Transportes), a Scania lançou o

caminhões equipados com motores V8 ao lançar o “Rei

P340, apresentou o cavalo-mecânico P270, até então

da Estrada”, o mais potente do mercado brasileiro, com

disponível apenas como caminhão rígido, e o P310

480 cavalo-vapor.

ganhou a opção de cabina-leito e teve sua capacidade

Em 2 de julho de 2002, a Scania comemorou 45

elevada de 43,6 para 47 toneladas. A família “Scania

anos de atividades no Brasil, durante esse período

Evolução”, com todos os veículos eletrônicos, tornou-se

a empresa produziu cerca de 170 mil veículos entre

a mais completa da história no Brasil, com potências

caminhões e ônibus, além de 43 mil motores industriais

que variavam entre 230 e 480 cavalo-vapor.

e marítimos. Para comemorar essa data, a Scania

Em primeiro de janeiro de 2006 tomou posse o novo

reuniu veículos históricos e contemporâneos em uma

presidente da Scania América Latina, o francês Michael

caravana de sua fábrica, em São Bernardo do Campo

de Lambert. Em fevereiro, partiu da fábrica da Scania

(SP), até Caxias do Sul (RS), percorrendo com enorme

em São Bernardo do Campo a caravana denominada

sucesso uma das rotas mais importantes do país.

“Time dos Sonhos”, formada por 15 ônibus rodoviários

No dia 29 de novembro de 2004, a produção de

da Scania, entre eles um ônibus personalizado para

caminhões da Scania no Brasil atingiu a marca de

a seleção brasileira de futebol. A caravana percorreu

RELATóRIO SOCIOAMBIENTAL Scania 2013


Empresa

todo o território nacional, com destaque especial para

50 anos de história da Scania no Brasil. Depois das

os novos ônibus da plataforma K, com motor traseiro,

comemorações, a Scania apresentou na FENATRAN

equipados com unidades de 11 litros, o K340 e o

as linhas P, G e R. A nova Série uniu conforto,

K380. Veículos que completaram o time de ônibus

ergonomia e segurança para o motorista e maior

rodoviários da marca.

produtividade para o transportador. No balanço do

Um ano especial para Scania no Brasil, o Ano de 2007 marcou os 50 anos de atividades no país. O Jubileu de Ouro foi marcado por inúmeras

ano, o Brasil consagrou-se novamente como o maior mercado da Scania. Nos esportes, um consórcio denominado “Trans Pan

comemorações, com homenagens a ex-colaboradores,

Rio” foi responsável pelo transporte das delegações

clientes e concessionários pioneiros. O ano ainda

dos Jogos Olímpicos Panamericanos, realizados

reservou outras conquistas para a Scania, que,

na cidade do Rio de Janeiro. As quatro frotas foram

contabilizou a marca de 240 mil caminhões e ônibus

constituídas, predominantemente, por ônibus Scania.

produzidos, e se posicionou como líder de vendas

O futebol não ficou de fora e os atletas e as comissões

nacionais de caminhões pesados. Na manhã do dia

técnicas da Copa América, realizada na Venezuela,

2 de Julho daquele ano, mais de três mil pessoas

também foram transportados por ônibus Scania.

compareceram à Scania e participam da grande

No final do segundo semestre de 2007, foi

comemoração. A Scania recebeu a visita do então

apresentado em São Paulo o primeiro ônibus Scania

presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva. Lula

movido a etanol das Américas, como alternativa para

veio acompanhado dos ministros de Estado: Miguel

a redução da emissão de poluentes. O ônibus Scania

Jorge, do Desenvolvimento, Indústria e Comércio

a etanol entrou em operação em Dezembro daquele

Exterior, e Luiz Marinho, da Previdência. Assim como

ano, em uma linha que liga a Zona Sul à Zona Leste

em 1962, quando da inauguração das instalações

da cidade de São Paulo, cortando as cidades do ABC

da Scania em São Bernardo do Campo, o prefeito da

paulista.

cidade também participou da festa.

A Segunda edição do MMCB – Melhor Motorista de

Vários colaboradores de 1962, que participaram da

Caminhão do Brasil – teve início em 2007 com mais

transferência da fábrica do Ipiranga para São Bernardo

de 21 mil competidores inscritos. Já em 2008, Roberto

do Campo, também participaram. Dos colaboradores

César Octaviani, o Minhoca, da cidade paulista de Vera

ativos em 2007, o mais antigo, José Carlos Moreira,

Cruz, venceu o certame.

admitido em 1964, foi homenageado em nome de

Em 2008, foram mais de 25 milhões de Reais em

todos e entregou ao presidente da República uma

investimentos e 50 mil horas de treinamento aos três

miniatura de um caminhão L111, símbolo desses

mil colaboradores da rede de concessionárias, que

RELATóRIO SOCIOAMBIENTAL Scania 2014

RELATóRIO SOCIOAMBIENTAL Scania 2013

19


20

EMPRESA

passaram a ser chamadas de ‘casas’, o que incluiu

R com modificações estéticas e interior mais confortável,

mecânicos e pessoal operacional. A Scania concluiu

e em Outubro do mesmo ano, apenas um mês após o

nos primeiros meses de 2008 o projeto “Compromisso

lançamento europeu, os Novos Caminhões Scania foram

de Excelência”, o projeto alcançou êxito e solidificou

apresentados na FENATRAN para os clientes da América

as bases que justificavam a campanha do ano: “Tudo

Latina.

por você”. Ao cliente da Scania ficou claro que, mais

Aos poucos, a Scania recuperou terreno no campo

do que as concessionárias, toda a rede, espalhada

das exportações, com alguns negócios importantes,

por 100 pontos no país, passou a ser a sua casa. O

como a venda de 143 ônibus para a Prefeitura

aperfeiçoamento dos serviços prestados pela Scania

de Johanesburgo, na África do Sul, e 196 ônibus

no mercado brasileiro e suas casas formaram um tripé,

articulados para o transporte coletivo da Colômbia.

sintetizado nas expressões “Gente, Produtos e Serviços,

A Scania participou diretamente da transformação

o GPS da Scania”.

do transporte público colombiano, com a introdução

Em 2009, mais forte e menos dependente do contexto

do projeto Transmilênio em 2003. Em 2009 a Scania

global, a economia brasileira entrou e saiu da crise

venceu uma nova licitação, agora para o sistema de

mundial sem sair do trilhos. O Brasil foi o último país

transporte público de Barranquilla, o Transmetro.

do mundo a ser atingido pela crise e o primeiro a sair

A Scania comemorou em 2009 os 50 anos da

dela, e mesmo assim a Scania manteve o investimento

produção de motores no Brasil, iniciada em 29 de maio

tecnológico em seus produtos. Em Setembro daquele

de 1959 ainda na unidade da Vila Carioca, no Ipiranga.

ano a empresa apresentou na Europa as Séries P, G e

Naquele tempo, com apenas 250 colaboradores,

RELATóRIO SOCIOAMBIENTAL Scania 2013


Empresa

a capacidade de produção da Scania não ultrapassava

Na 13ª Exposição de Transporte do ABC, realizada em

os 200 motores mensais. Meio século depois, a

Outubro de 2010, a Scania apresentou o mais potente

fábrica de São Bernardo empregava quase 3 mil

caminhão homologado no país, o Scania V8, com 580

colaboradores e sua capacidade de produção é de

cavalo-vapor de potência, batizado na Europa como

20.000 veículos completos e 5.000 motores por ano.

“King of the Road”. No mês seguinte, a Scania assinou o

Em 50 anos, a Scania do Brasil produziu mais de

convênio para a venda dos 50 primeiros ônibus movidos

300.000 motores.

a etanol do Brasil. Os veículos foram adquiridos pela

A Scania entregou em novembro de 2009 o segundo ônibus movido a etanol do Brasil para prefeitura de São Paulo. O veículo é equipado com motor de 9 litros de 270

Prefeitura de São Paulo, por meio da Viação Metropolitana e foram entregues em maio do ano seguinte. Um dos maiores destaques de 2010 foi a

cavalo-vapor de potência e circula entre os terminais Lapa

comemoração do centenário do primeiro ônibus Scania

e Vila Mariana, itinerário que inclui importantes trechos da

fabricado no mundo, em 1911. Um modelo de 34

cidade, entre eles a Avenida Paulista.

cavalo-vapor feito sob encomenda para uma empresa

Em 2010, a Scania consolidou sua força na América Latina e o Brasil como o principal mercado da empresa,

da cidade sueca de Nordmark. A FENATRAN de 2011 foi palco de um grande

com mais de 15 mil veículos vendidos em território nacional

lançamento global da Scania, a nova plataforma

e mais de 20 mil produzidos na fábrica de São Bernardo

de motores DL, além do caminhão movido a etanol

do Campo. 2010 ainda marcou o aniversário de 50 anos do

e do motor V8. Os visitantes da exibição puderam

primeiro caminhão produzido completamente no Brasil, em

conferir de perto o funcionamento da tecnologia SCR.

1960, ano que a empresa atingiu a marca de 304 veículos,

SCR, sistema cuja sigla em inglês significa Redução

número expressivo para a época.

Catalítica Seletiva e que foi adotado pela Scania

Em Maio de 2010, a Scania lançou oficialmente a

para atender às normas de emissões do Proconve

3ª edição do MMCB - Melhor Motorista de Caminhão

P7, em vigor no Brasil desde o início de 2012. Outra

do Brasil. A edição teve 28.505 inscritos, superando

apresentação de produtos aconteceu no Rio de

em 36% as inscrições da edição anterior. No dia 12

Janeiro, em Novembro de 2011, quando jornalistas,

de Setembro de 2010 o baiano Fernando Pitanga,

parceiros e clientes do setor puderam conferir o

então com 35 anos, foi coroado o melhor motorista de

portfólio de ônibus Scania e o funcionamento do Bus

caminhão do Brasil.

Rapid Service, o BRS by Scania, em evento realizado

A Scania entregou no mês de Julho de 2010, ao Hospital do Câncer de Barretos, dois caminhões

no Píer Mauá. Em Junho de 2011 a Scania foi patrocinadora ouro

Highline R420 6x2. Os veículos foram agregados à

do Ethanol Summit, um dos principais eventos sobre

duas carretas equipadas com unidades móveis para

energias renováveis do mundo, organizado em São

prevenção e diagnósticos de câncer que circulam em

Paulo pela União de Indústria da Cana-de-Açucar,

todo o território nacional.

a Unica. A montadora também participou em 2011

RELATóRIO SOCIOAMBIENTAL Scania 2013

21


22

EMPRESA

do Recruta FEI e outras feiras universitárias para

veículos, lançando uma campanha inédita: “Scania Euro

apresentar aos alunos as possibilidades de atuação no

5. Saia na frente com a Scania”, que consistiu de uma

mercado de trabalho.

série de ações publicitária e de incentivo para a compra

Entre as visitas à fábrica de São Bernardo do Campo, em 2011 o destaque ficou para a ilustre presença do

dos novos caminhões Scania com tecnologia SCR. A Scania entregou à Tupi Transportes, empresa que

ex-jogador de futebol Ronaldo Nazário. Na ocasião, três

opera no transporte público da cidade de São Paulo,

colaboradores, torcedores fanáticos do Corinthians,

mais 10 unidades dos ônibus Scania movidos a etanol.

tiveram a oportunidade de tirar uma foto ao lado do

Em Junho de 2012, os ônibus Scania movidos a etanol

ídolo: Marcos Maciel Moreira, Antonio Carlos Brilhante

ainda transportaram os participantes da Rio+20, entre

e Samuel Germano. Em Novembro de 2011, um

eles, autoridades internacionais.

ginásio do Scania Clube foi palco de uma das etapas

O balanço anual de 2011, foi apresentado em Fevereiro

classificatória do Grand Prix Feminino de Judô, uma

de 2012 e consolidou a Scania Brasil pelo terceiro ano

das mais importantes competições interclubes da

consecutivo como o principal mercado da companhia,

modalidade.

à frente da Rússia e da Alemanha. No mesmo mês, a

Eleito melhor motorista de caminhão em 2010,

Scania foi classificada pela revista canadense Corporate

Fernando Pitanga conseguiu adquirir seu primeiro

Knights Global como uma das 100 empresas mais

caminhão em 2011, um modelo R420 Highline entregue

sustentáveis do mundo. A lista, que foi anunciada no

na própria fábrica da Scania. Já a equipe da Codema

Fórum Econômico Mundial de Davos, na Suíça, incluía

Guarulhos foi vice-campeã sul-americana do Scania

companhias de 22 países, de todos os setores da

Top Team 2011. A final mundial da competição foi

economia.

realizada em Outubro daquele ano, na Suécia. Vinte anos depois da última troca, a área de proteção

Em Abril de 2012, a Scania fechou a expressiva venda de 231 unidades de chassis de ônibus urbanos

contra incêndio ganhou um novo caminhão de

para a cidade de Santiago, capital do Chile. Com o

bombeiros. Um Scania P270 com tração 4x2 equipado

negócio, a Scania iniciou sua atuação no Sistema

com um moderno implemento com tecnologia de ponta

Transantiago, que integra as linhas de ônibus e o

e tanque com capacidade para armazenar 5 mil litros

metrô da cidade. Os veículos começaram a circular

de água.

em Setembro do mesmo ano, operada pela Alsacia

Na diretoria, a mudança foi a entrada do sueco Martin Sthålberg na presidência da Scania Latin America, assumindo o lugar de Sven Antonsson, que

Express, empresa com larga experiência em sistemas integrados de transporte em países da América Latina. Já a 4ª edição do MMCB - Melhor Motorista de

estava no cargo desde 2008. Martin acumulou o cargo

Caminhão do Brasil - alcançava o recorde de 47 mil

de diretor executivo regional para a América Latina e

inscritos. A caravana do MMCB percorreu mais de 12

Sven passou a integrar o conselho.

mil quilômetros, da saída da fábrica em São Bernardo

O ano de 2011 também ficaria marcado pelo

do Campo até a grande final no Espaço Imigrantes,

início da implantação de um novo Centro Logístico

no dia 27 de Outubro de 2012. O gaúcho Vinicius de

de Distribuição de Peças da Scania em Vinhedo,

Morais, então com 35 anos, foi consagrado o vencedor

município do interior do Estado de São Paulo, há 95

da competição. Algumas novidades marcaram

quilômetros da capital. Em Maio de 2011, a Scania

esta edição do MMCB, entre elas, a realização

também adquiriu da Prefeitura de São Bernardo do

do Seminário: “Perspectivas de Sustentabilidade

Campo um terreno na Avenida José Odorizzi, em

para o Transporte Rodoviário de Cargas”. Além

frente à fábrica. Em contrapartida, a Scania teve que

disso, foi realizada uma competição interna com os

investir em algumas melhorias na avenida.

colaboradores, a fim de promover o engajamento e a

Em 2012, entrou em vigor no país o Proconve P7,

participação dos funcionários da Scania. O chamado

norma brasileira de emissões equivalente à norma

MMCS - Melhor Motorista de Caminhão da Scania -

européia Euro 5. Preparada, a Scania deu um

corou o colaborador Rodrigo Gitti como vencedor.

importante passo para a consolidação dos novos RELATóRIO SOCIOAMBIENTAL Scania 2013

Ainda em 2012, a Scania renovou o contrato de


Empresa

patrocínio com a CBJ - Confederação Brasileira de Judô

um convênio com a Escola Politécnica da Universidade

- por mais um ano. A empresa também marcou presença

de São Paulo, a Poli-USP, para uma cooperação

na Agrishow, Feira Internacional do Agro Negócio, com

que permitiu aos alunos da instituição conhecer

o lançamento da campanha publicitária dos Caminhões

profundamente algumas características dos motores a

Fora-de-Estrada, e na FetransRio, Feira do Segmento

diesel.

de Ônibus que acontece a cada dois anos na cidade do

O objetivo do projeto com a Poli é gerar

Rio de Janeiro, com destaque para a linha de ônibus com

conhecimento cientifico e contribuir para a redução

motor dianteiro e os motores Euro 5.

de emissão de poluentes. A parceria contemplou a

Na 19ª edição da FENATRAN, realizada em Outubro

construção de um laboratório no Parque Tecnológico

de 2013, a Scania abriu uma nova era para o mercado

de Sorocaba, local escolhido pela Poli para o

de caminhões: a rentabilidade máxima para o cliente. O

desenvolvimento de um equipamento que permitirá

conceito representado pelo Streamline, caminhão que

estudar o comportamento do fluxo de ar dentro do

traz o que há de melhor em economia de combustível,

motor.

disponibilidade, desempenho e foco no motorista, foi o ponto central da feira. Quem visitou o estande da Scania na FENATRAN

O final de 2013 ainda trouxe a parceria da Scania com o Instituto Nobel para a realização da exposição “O Prêmio Nobel – Ideias Mudando o Mundo”, uma

daquele ano conheceu os caminhões Streamline

mostra sobre o idealizador do Prêmio, Alfred Nobel

e ainda pôde voltar no tempo para relembrar os

(1833 – 1896), seus vencedores, invenções, critérios

principais caminhões que fizeram sucesso no Brasil,

de escolha e categorias, que destacam a trajetória

demonstrados pelas novas gerações de veículos, como

das pessoas e inovações que contribuíram para o

o atual G440 8x4, que na feira foi apresentado na cor

progresso da humanidade. O objetivo da Scania foi

branca com as faixas cinzas, remetendo ao caminhão

valorizar a inovação e o vanguardismo tecnológico que

112 HS, da linha T, lançados em 1983 e pioneiro na

também são características da marca.

utilização do intercooler. Nessa viagem pela história, os caminhões R113 foram representados por um P360 6x2 na reconhecida cor azul celeste. O P310 4X2, representando o “jacaré” L111, lançado em 1976 com a Série 1, que teve a inconfundível cor laranja. Ainda haviam reproduções modernas do o Rei da Estrada, do Jubileu e dos caminhões com as revolucionárias cabinas P, G e R, lançadas em 2007. Em Julho de 2013, a Scania anunciou a parceira com a Natura, empresa de perfumaria, cosméticos e produtos de higiene pessoal, e com a Coopercarga, operadora logística com atuação no mercado nacional e internacional. A parceria incorporou a inovação e a sustentabilidade nas operações de transporte da marca de cosméticos, por meio de duas carretas Scania movidas a etanol, que emitem cerca de 90% menos CO2 que veículos movidos a diesel. A iniciativa representou o desejo comum das três companhias em promover alternativas inovadoras e sustentáveis para suas atividades. A Scania também tem motivado o desenvolvimento tecnológico e sustentável por meio de parcerias com universidades. Em Junho de 2013, a empresa assinou RELATóRIO SOCIOAMBIENTAL Scania 2013

23


24

RELAT贸RIO SOCIOAMBIENTAL Scania 2013


RECURSOS HUMANOS

RECURSOS HUMANOS Desenvolvimento de Colaboradores e Centro de Recrutamento A Scania tem um cuidado especial com os colaboradores, por considerá-los o grande diferencial da organização e por acreditar que o respeito para com o indivíduo propicia um ambiente de trabalho favorável. Esta preocupação se evidencia desde a etapa de Recrutamento e Seleção até o seu último dia de trabalho na empresa.

Recrutamento e Seleção Tem como prioridade o aproveitamento interno dos colaboradores e como foco identificar a pessoa certa, para o lugar certo, de modo a garantir o suprimento das competências necessárias às áreas específicas e à organização.

Suprimento de Competência Além do recrutamento interno e externo, a empresa adota outras três fontes para suprir sua demanda de competência:

• Programa de Aprendizagem Senai O objetivo deste programa é capacitar jovens portadores e não portadores de necessidades especiais em curso técnico e propiciar a aplicação prática dos conceitos aprendidos em curso, com o devido apoio de profissionais altamente qualificados.

• Programa de Estagiários Este programa tem como objetivo propiciar ao estudante de curso técnico ou superior a aplicação prática dos conceitos aprendidos em curso, com o devido respaldo de profissionais altamente qualificados.

• Programa de Trainees O programa tem como objetivo atender às futuras demandas da organização em termos de qualificação e competência, por meio do desenvolvimento de

RELATóRIO SOCIOAMBIENTAL Scania 2013

25


26

RECURSOS HUMANOS

profissionais recém-formados e em início de carreira,

de acordo com o grau de desenvolvimento, o

com potencial para abraçar novos desafios e agregar

aproveitamento em posições de maior complexidade

contribuições e inovações à empresa.

ou ascensão na carreira de liderança. Programas

Diversidade A empresa valoriza a diversidade em seu quadro de colaboradores. Uma das ações de estímulo é a contratação de pessoas portadoras de necessidades

de job rotation interno e expatriação para diversas unidades também são ações que fortalecem o desenvolvimento da carreira de colaboradores, sejam eles técnicos ou líderes.

especiais, que são inseridas em um programa

Desenvolvimento de Lideranças

específico, de forma a melhor integrá-las em nossos

Tem por objetivo estabelecer sincronia entre as

processos.

diversas unidades espalhadas pelo globo através

Integração de Novos Colaboradores Os primeiros dias de trabalho de todos os novos colaboradores são destinados à sua integração. O intuito do Programa de Integração é acolher, facilitar a adaptação e propiciar uma visão global da empresa. Realizado de forma interativa, ele fornece informações relacionadas à história da empresa, filosofias de trabalho, produtos, código de ética, segurança do trabalho, benefícios, treinamentos de segurança e treinamentos corporativos.

de ações específicas. Desenvolver lideranças é um fator primordial para a sustentabilidade da empresa, pois elas conduzem a equipe em direção à visão, objetivos e metas da organização. Entre as ações de desenvolvimento adotadas estão os: programas de treinamento, job rotation, palestras, coaching, etc.

Clima Organizacional O ambiente de trabalho favorável é essencial para a

Treinamento e Desenvolvimento

qualidade de vida e produtividade dos colaboradores.

A Scania se preocupa com a qualificação e a evolução

Por meio de pesquisas realizadas a cada dois

dos colaboradores. Para tal, são feitos investimentos

anos, a Scania acompanha a qualidade do clima

em programas de treinamento e desenvolvimento,

organizacional.

elaborados de acordo com as necessidades individuais

Todos os colaboradores são estimulados a participar

e com os objetivos de cada área da empresa. Para

e opinar sobre questões como: ambiente e organização

a viabilização desta estratégia, a empresa adota as

do trabalho, relações interpessoais, liderança,

seguintes ações:

comunicação, etc. Os planos de melhoria são traçados

• Subvenção de Cursos

através da análise destes resultados.

A Scania oferece subsídio para cursos de formação, aperfeiçoamento e atualização, além do aprendizado de idiomas.

• Plano de Capacitação e Desenvolvimento Individual

Participação dos Colaboradores na Pesquisa de Clima Organizacional (Dados de 2012 Representam a Unidade Industrial Brasil) 100%

Definido após a realização de uma entrevista formal

90%

de feedback entre gestor e colaborador, é feito sob

80%

medida e visa identificar e favorecer a realização

70%

de ações que venham a contribuir para o aumento da qualificação profissional e desenvolvimento das competências demandadas pela organização.

60%

80,4%

88%

81%

2006

2008

2010

2012

40%

Plano de Carreira

30%

A Scania reconhece a importância de manter seus

20%

talentos. Favorece a todos os seus colaboradores,

10%

RELATóRIO SOCIOAMBIENTAL Scania 2013

80,7%

50%


RECURSOS HUMANOS

Posicionamento dos Colaboradores em Relação a Duas Questões Abordadas na Pesquisa de Clima 110% 100% 90% 80% 70% 60% 50%

96%

96%

90%

97%

98%

96%

92%

91%

2006

2008

2010

2012

2006

2008

2010

2012

40% 30% 20% 10%

Se depender de mim, estarei trabalhando na Scania nos próximos 2 anos.

Tenho orgulho de trabalhar na Scania.

RELATóRIO SOCIOAMBIENTAL Scania 2013

27


28

RECURSOS HUMANOS

Perfil do Colaborador Horas de Treinamento por Colaborador em 2013 2,0 16,0 6,4

2,2

23,4

18,2

9,0

8,5

0,4 0,5

2,9 Horas / Colaborador (Dez / 2011) Outros Cursos Externos

RELAT贸RIO SOCIOAMBIENTAL Scania 2013

Horas / Colaborador (Dez / 2012) Outros Cursos Internos

0,7 Horas / Colaborador (Dez / 2013)

Cursos de Idiomas

Cursos Acad锚micos


RECURSOS HUMANOS

Média de Horas de Treinamento - 2013

Horas de Treinamento por Tipo de Programa - 2013

120.000

80

100.000

60 80.000 99.376

40

75,1 51

40.000

20

Mensalistas da Produção

32.786

20.000

23,2

00

60.000

Mensalistas da Administração

Lideranças

00

2.768

Formação Acadêmica

Programas de Idiomas

Aperfeiçoamento

RELATóRIO SOCIOAMBIENTAL Scania 2013

29


30

RECURSOS HUMANOS

Número de Colaboradores Dez/2012 Dez/2013

4000 3500 3000 2500

2.625 2.223

2000 991

1500 1000

63,9%

66,1%

918

500

26,4%

25,0%

0

340

354

9,8%

8,9%

Administração

Produção +Senai

Liderança

Número de Colaboradores Homens x Mulheres 4000 3600 3200 2800 2400 2000 1600 1200 800 400 0

Dez/2012 Dez/2013

88,7%

88,5%

11,3% Homens

11,5%

Mulheres

Colaboradores por Estado Civil Dez/2012 Dez/2013

100% 90% 80% 70% 60% 50% 40%

2.004

2.323

30% 20% 10% 0

1.361

1.497

116 Casados

RELATóRIO SOCIOAMBIENTAL Scania 2013

Solteiros

150

Outros


RECURSOS HUMANOS

Colaboradores por Tempo Médio de Empresa Acima dos 30 anos

Dez/2012 Dez/2013

2,7% 3%

25 a 30 anos

9,6% 8,4% 10%

20 a 25 anos

14,2%

8,7% 9,9%

15 a 20 anos 2,7% 3,4%

10 a 15 anos 6 a 10 anos

14,4%

15%

2a6 anos

24,2% 24% 27,7%

Menos de 2 anos

22,1%

0

200

400

1000

800

600

1200

Colaboradores por Região Geográfica Dez/2012 Dez/2013

3000 2500 2000 1500 70,2%

1000

70,7%

500

25,3%

23,9%

4,5%

5,4%

0

Outras

São Paulo

ABC

Colaboradores por Nível de Escolaridade 2000 1800

1.754

1600 1400

Dez/2012 Dez/2013

1.543

1.521 1.375

1200

600

Ensino Superior Completo

Ensino Superior Incompleto

44,2%

Ensino Médio Completo

Ensino Fundamental Completo

32

22 0,6%

32

0,9%

0,5%

Ensino Médio Incompleto

29

0,8%

18

0,8%

19 0,5%

13,9%

200

15,7%

483

400 0

623

44,3%

38,3%

800

39,5%

1000

Ensino Fundamental Incompleto

RELATóRIO SOCIOAMBIENTAL Scania 2013

31


32

RECURSOS HUMANOS

Remuneração Remuneração é a compensação pela contribuição do colaborador para o sucesso da Scania. A remuneração se origina pela responsabilidade, desempenho e valor agregado de cada função. A área de Administração de Remuneração tem como objetivo manter um pacote de remuneração total, apropriado e justificado, que incentive os colaboradores a promover melhorias contínuas, sendo diretamente proporcional ao grau de exigência da tarefa executada. Para isso, a área elabora, implementa e controla diretrizes de remuneração compatíveis com o mercado, tendo em vista o equilíbrio salarial, a atração, motivação e retenção de pessoas com alto nível de qualificação profissional. A remuneração total é a soma de todos os valores pagos pela empresa ao colaborador, composto por salário nominal, direitos constitucionais, benefícios e PRE - Participação nos Resultados da Empresa.

Representatividade da Remuneração Total Colaboradores da Produção e Administração Café/Desjejum 0,4%

Scania Clube 0,5%

Plano de Saúde 5,2%

Salário Nominal (Média) 62,1%

Restaurante 3,7% Transporte 3,5% Seguro de Vida 0,2% Direitos Constitucionais 7,3%

PRE 16,9%

RELATóRIO SOCIOAMBIENTAL Scania 2013


RECURSOS HUMANOS

Relações Trabalhistas Através de uma filosofia de descentralização das relações de trabalho, a Scania busca o equilíbrio nesta relação e estimula a participação dos colaboradores como forma de redução de conflitos. Com isso, apresenta um dos menores índices de ações trabalhistas entre as indústrias na região do ABC. Desde 1996, a Scania mantém o SUR - Sistema Único de Representação, que é o órgão representativo dos colaboradores da Empresa e do Sindicato. Foi pioneira na implantação deste sistema, que unificou as atividades da Comissão de Fábrica com as da CIPA Comissão Interna de Prevenção de Acidentes, com o objetivo de melhorar o relacionamento entre empresa e colaborador. O SUR é composto pelo: Comitê Coordenador, pelo Subcomitê de Áreas e pelos Grupos de Apoio. O Comitê Coordenador, além de coordenar as atividades dos Subcomitês, negocia com a Empresa assuntos que envolvem a coletividade dos colaboradores, como a PRE - Participação nos Resultados da Empresa. Esta representação é dividida por Subcomitês de Áreas, que priorizam a resolução dos problemas diretamente nas áreas de origem, podendo assim agilizar a solução dos mesmos. Cada Subcomitê tem reuniões mensais com os representantes destas áreas da Empresa, para tratar de assuntos como relações trabalhistas, segurança e saúde no trabalho, qualidade, produtividade, layout, ferramentas e equipamentos. Os representantes do SUR também participam de Grupos de Apoio de assuntos que envolvem a coletividade, como por exemplo, restaurante, transporte e assistência médica, buscando a melhoria contínua nesses processos, minimizando possíveis conflitos e, consequentemente, ampliando a satisfação dos colaboradores. A Scania mantém um canal de negociação com os representantes dos colaboradores, realizando diversos acordos, contribuindo para a satisfação profissional e o bem-estar de todos, tanto que em 1996, foi a primeira montadora a reduzir a jornada de trabalho para 40 horas semanais. RELATóRIO SOCIOAMBIENTAL Scania 2013

33


34

RELAT贸RIO SOCIOAMBIENTAL Scania 2013


35

PRODUTO Tecnologia do Produto Scania A Scania tem o compromisso de fornecer tecnologias de ponta em seus produtos e serviços. Seus projetos de veículos levam em conta a reutilização e reciclagem de pelo menos 90% de todos os seus componentes, além da utilização de substâncias que não agridem o meio ambiente e ajudam a reduzir a emissão de gases poluentes e ruídos. Cada detalhe é projetado para o máximo rendimento, menor impacto ambiental e maior economia operacional. A melhoria contínua é um dos princípios do Sistema de Produção Scania, o SPS.

Design e Performance Como uma das melhorias implementadas recentemente, a linha Scania Streamline renovou o design de cabinas voltadas para o segmento rodoviário para garantir melhor aerodinâmica e melhor desempenho com menor consumo de combustível.

Meio Ambiente Para atender as normas do Euro 4, Euro 5 e PROCONVE P7, a Scania optou pela tecnologia SCR - Redução Catalítica Seletiva, já utilizada por milhares de clientes no mundo. O sistema se baseia na utilização do ARLA 32 - Agente Redutor Líquido Automotivo. Trata-se de uma solução com 32% de ureia em água desmineralizada, que juntamente com o catalisador, reduzem drasticamente a emissão dos principais gases poluentes no meio ambiente.

Desempenho e Conforto Também chegaram ao mercado as novas versões

das caixas de câmbio automatizadas, o Scania Opticruise, e dos freios auxiliares Scania Retarder. No primeiro caso, a terceira geração do produto apresentou ganhos principalmente no que diz respeito à agilidade e inteligência do sistema do veículo nas versões 100% automatizada (2 pedais) ou ainda com o pedal da embreagem para partida e manobra. Há também as opções de modos de RELATóRIO SOCIOAMBIENTAL Scania 2013


36

Produto

direção Economy, Standard, Power e Off-road, de

Rodoviário - Esses chassis oferecem a mais ampla

acordo com a necessidade do cliente.

possibilidade de escolha, cobrindo todos os tipos de

Segurança O Scania Retarder teve seu desempenho de frenagem significativamente melhorado, o torque máximo aumentou para 3.500 N.m (antes era 3.000 N.m). O torque de frenagem em baixa velocidade teve um aumento devido ao seu novo escalonamento. Também foi desenvolvido o novo Scania Retarder com torque de frenagem de 4.100 N.m, que é destinado a aplicações de mineração/construção, onde é importante obter alto torque de frenagem em baixas velocidades.

aplicação para transporte de carga em rodovias. Estão disponíveis como cavalos mecânicos ou caminhões rígidos, nas configurações 4x2, 6x2, 6x2/4 e 6x4. Construção - Veículos construídos com o quadro do chassi mais robusto para enfrentar trabalhos severos e aplicações fora de estrada, como canteiros de obras, minas e pedreiras, aplicações florestais e agrícolas. Configurações 6x4, 8x4 e 10x4. Semipesados - Utilizados na distribuição de mercadorias, em trechos urbanos e rodoviários,

Produtos

com capacidade para enfrentar o “anda e para”

A Scania produz caminhões, chassis para ônibus e

4x2, 6x2 e 8x2.

motores industriais e marítimos na Unidade de São Bernardo do Campo - SP. Há uma grande variedade de caminhões e ônibus Scania, com veículos configurados para as mais diversas atividades, garantindo o veículo ideal para cada aplicação. Motores industriais, marítimos e de geração de energia completam a linha de produtos Scania produzidos e comercializados no Brasil. Os veículos Scania são produzidos e montados com o conceito modular de produção, onde o veículo pode ser configurado de inúmeras maneiras diferentes, graças a uma ampla variedade de combinações entre cabinas, chassis e trens de força, possibilitando a configuração do veículo ideal para cada aplicação. Além da qualidade garantida dos produtos da marca, a Scania ainda oferece aos clientes peças e serviços que agregam valor ao negócio do cliente, minimizando custos e aumentando o tempo entre reparos.

Caminhões O portfólio de caminhões Scania oferece ampla escolha de configurações de chassi, permitindo otimizar as diferentes aplicações do transporte e movimentação de cargas. Os caminhões Scania podem ser classificados quanto às suas principais características, de acordo com a aplicação indicada: RELATóRIO SOCIOAMBIENTAL Scania 2013

das operações urbanas, além de sustentar altas velocidades de cruzeiro em estradas. Configurações

Veículos Públicos e Especiais - Veículos dedicados aos clientes com demandas especiais. São exemplos mais comuns: veículos de combate a incêndio, coletores de lixos, veículos de resgate etc.


Produto

Melhorias

de 360, 400, 440 e 480 HP, garantem excelente

A plataforma mantém as tradicionais características da

desempenho para todo tipo de aplicação. Os motores

Scania, como cabeçotes individuais para cada cilindro,

de 12,7 litros oferecem torques de 1.850, 2.100, 2.300 e

eixo de comando localizado em uma posição elevada

2.400 N.m, respectivamente.

no bloco e engrenagens de sincronização montadas na

V8 - Os caminhões V8 da Scania encontraram

parte traseira. A Scania disponibiliza diversos tipos de

seu próprio nicho no mercado global, combinando

filtro de óleo de acordo com a exigência/legislação do

desempenho sem esforço, robustez e longa vida útil

país em relação à emissão de óleo na atmosfera (do

com boa economia de combustível e baixos custos

tipo centrífugo, filtro e coletor de óleo). O mais comum

operacionais. Para atender todas às normas de

é o do tipo filtro.

emissão Proconve P7 e Euro 5, a linha de motores V8

Outra novidade é a introdução de uma camisa com

de 15,6 litros foi ampliada para oferecer duas opções

anel no pistão que funciona como um limpador da

de potência, de 560 e 620 HP, com torques de 2.700 e

parte superior do componente, impedindo o acúmulo

3.000 N.m respectivamente.

de resíduos e material particulado. Esta peça gera

Etanol - O P270 é um caminhão Scania movido a 95%

economia de combustível e mais vida útil ao motor.

de bioetanol e que utiliza 5% de aditivo para promover

9,3 litros - Dois novos modelos de 9,3 litros com maior

a ignição. A tecnologia de baixo carbono dos motores

diâmetro e potências de 250 e 310 HP, substituem os

a etanol, já empregada em ônibus pela Scania,

motores de 5 cilindros em linha de 8,9 litros. Os torques

reduz drasticamente a emissão de CO2 (dióxido de

oferecidos são respectivamente de 1.150 e 1.550 N.m.

carbono). O caminhão P 270 a etanol conta com uma

12,7 litros - Os novos motores de 6 cilindros de 12,7

motorização de 9 litros com 270 cavalo-vapor e 1.200

litros dão continuidade à sólida reputação estabelecida

N.m de torque já a partir de 1.100 rpm, o que possibilita

pelos seus antecessores de 11,7 litros. As quatro

maior rendimento do trem de força, desempenho e

opções de potência uniformemente distribuídas,

dirigibilidade típicos dos motores a diesel.

RELATóRIO SOCIOAMBIENTAL Scania 2013

37


38

Produto

Ônibus A rentabilidade da operação no transporte de

Os chassis Scania estão disponíveis para operar com

passageiros envolve muitos fatores, entre os quais a

biocombustíveis, entre Etanol, Biogás e Biodiesel, além dos

escolha do chassi correto para cada tipo de ônibus de

modelos elétricos, como no caso dos trólebus. A Scania

acordo com a sua aplicação.

também fornece chassis urbanos para aplicação em

É por este motivo que os chassis de ônibus urbanos,

sistemas de transporte urbano moderno como BRT e BRS.

intermunicipais, de fretamento e rodoviários produzidos

Intermunicipal, Fretamento e Rodoviário - Chassis 4x2

pela Scania estão subdivididos segundo suas principais

para ônibus com características que visam o transporte

características de aplicação:

intermunicipal e de fretamento para curtas distâncias

Urbanos - Chassis para ônibus com máxima capacidade,

rodoviárias. Chassis 6x2 ou 8x2 para uso rodoviário

eficiência e disponibilidade para o transporte urbano.

de médias e longas distâncias e também de turismo,

Opções de chassis para carrocerias convencionais de 12,

adequados para as mais diversas opções de carrocerias

13,2 e 15 metros e articulados de 19, 21 e 23 metros com

nestes segmentos e com elevados níveis de conforto,

altura de piso normal ou entrada baixa.

eficiência de combustível e baixo custo operacional.

RELATóRIO SOCIOAMBIENTAL Scania 2013


Produto

Motores A Scania desenvolve motores industriais e marítimos

acoplada, sistema de arrefecimento, características de

a partir de sua linha de motores para aplicações

partida e parada, e instrumentação. Eles devem atender

veiculares, participando de seu desenvolvimento desde

a condições de trabalho pesado com baixo consumo

a concepção inicial e contando atualmente com 9, 13 e

de combustível, passar confiança e proporcionar baixo

16 litros de cilindrada e potências entre 275 HP e 1000

custo operacional, atendendo ao mesmo tempo as

HP, utilizados como fonte de energia em equipamentos

normas de emissões de poluentes atuais e futuras.

de construção, florestais e agrícolas, em grupos geradores de energia elétrica e em embarcações. Os motores são configurados com a finalidade de

A fabricação de motores industriais e marítimos tem importância estratégica, submetendo os motores Scania a condições severas e comparações diretas

atender a requisitos específicos do cliente ou aplicação,

no mercado em termos de qualidade, desempenho e

de acordo com o desempenho, transmissão a ser

competitividade de preço.

RELATóRIO SOCIOAMBIENTAL Scania 2013

39


40

Produto

Peças & Serviços Peças As peças Scania são projetadas e produzidas para agregar valor ao negócio do cliente, na medida em que colaboram para aumentar a disponibilidade de seu produto. Estão sempre disponíveis, onde e quando o cliente precisar, nas mais de 100 concessionárias distribuídas pelo Brasil. As peças são produzidas para atender aos mais altos padrões de qualidade, durabilidade e segurança. Além de completa garantia, oferecem máxima performance e economia de combustível. As equipes da Scania são especializadas para identificar e proporcionar a escolha certa das peças que os clientes precisam, com rapidez e eficiência.

Serviços A Scania trabalha com profissionais capacitados para oferecer ao cliente as melhores soluções de serviços com uma excelente relação custo benefício, proporcionando maior tempo de operação dos produtos. Nossos clientes estão em busca do maior valor agregado para o seu negócio e nossa equipe é dedicada e preparada para superar suas expectativas em todos os sentidos. Seja um pacote de serviços, o treinamento de um motorista, a elaboração de um plano de manutenção ou uma reparação preventiva, a Scania tem tudo que os clientes precisam para garantir que os tempos de parada sejam minimizados e que os custos operacionais dos produtos Scania sejam os mais baixos no mercado. A Scania oferece alternativas personalizadas, de acordo com a necessidade de cada um dos seus clientes e segmentos, sempre em busca da rentabilidade sustentável e do aumento no ciclo de vida dos produtos.

Serviços Financeiros A divisão Scania Financial Services possui por mais de 60 anos de experiência, atuando com 16 unidades de negócios em mais de 40 países e representando uma forte referência de atendimento e satisfação dos clientes Scania nos vários pontos do mundo onde a empresa opera. No Brasil, o Scania Banco foi estruturado para cumprir com essa mesma finalidade. O Scania Banco dedica-se a fornecer serviços financeiros flexíveis que proporcionam maior controle sobre os custos e riscos dos produtos adquiridos por nossos clientes. Contando com uma equipe composta por profissionais altamente capacitados do setor financeiro de transporte, ele oferece diversas soluções em financiamento e seguros para veículos novos ou usados.

RELATóRIO SOCIOAMBIENTAL Scania 2013


Produto

RELAT贸RIO SOCIOAMBIENTAL Scania 2013

41


42

RELAT贸RIO SOCIOAMBIENTAL Scania 2013


43

MEIO AMBIENTE O Trabalho Ambiental na Produção em 2013 A Política Ambiental Scania conduz o trabalho na produção e é integrado no dia a dia através de melhorias contínuas. Cada operação estabelece metas e planos de ação, baseados em objetivos corporativos, condições locais e na significância dos aspectos e impactos ambientais.

Objetivos e Metas para 2013 - Geral Melhorar continuamente o trabalho ambiental na cadeia de valores. Educar, motivar e apoiar colaboradores e fornecedores para que possam realizar suas atividades de uma maneira ambientalmente responsável. • Reforçar o conhecimento da liderança sobre questões relacionadas a Segurança, Saúde e Meio Ambiente, por meio de um novo treinamento com foco nas responsabilidades sobre essas questões. • Iniciada a implantação do Sistema de Gestão Ambiental, para o novo Centro Logístico da Scania na cidade de Vinhedo, no interior de São Paulo, buscando alinhar os cuidados com meio ambiente às demais áreas da organização. • Realização de evento no Dia Internacional do Meio Ambiente, reunindo diretores, gerentes, gestores e facilitadores para apresentar as iniciativas de “Produção Sustentável” realizadas pelas áreas, para melhoria da qualidade ambiental.

RELATóRIO SOCIOAMBIENTAL Scania 2013


44

meio AMBIENTE

Uso de Matérias-Primas e Produtos Químicos Reduzir a quantidade e variedade de materiais e produtos químicos em uso e buscar alternativas com menor impacto ambiental. • Objetivo de reduzir em 30% o consumo de óleo

Fábrica de Motores, ambas substituídas por outras com

hidráulico. A área de Manutenção possui, entre outras,

menor impacto ambiental. Na Fábrica de Cabinas o

atividades focadas na tratativa da pureza dos óleos

consumo do Acelerador 134 foi reduzido de 0,11 para

hidráulicos e a tratativa de eliminação de vazamentos.

0,09 kg por unidade produzida.

A Fábrica de Motores (processo de usinagem) foi a

• Também na fábrica de Cabinas foi reduzida a

área piloto para alcançar esse objetivo e apresentar

quantidade de tubos de cola do para-brisa em 50%.

no primeiro ano um resultado bastante significativo,

Antes eles eram descartados mesmo não sendo

com redução de 36% de consumo de óleo por bloco

utilizados. Nas limpezas técnicas na área de Solda foi

produzido e 43% por virabrequim, gerando uma

reduzida a quantidade de isoparafina de 49 litros

economia de 16.463 litros no ano.

para 30 litros.

• Na Scania, todos os produtos químicos utilizados

• Na Fábrica de Motores foram iniciadas rondas

passam por um cadastramento e apenas após

específicas para a avaliação das condições de

aprovação pelas áreas de Segurança, Serviço Médico e

armazenamento, cadastramento, uso e validade de

Suporte Ambiental são liberados para uso. O Standard

produtos químicos.

4158 define as substâncias que são proibidas e o

• Na área de KD/SKD Operation foram eliminadas as

Standard 4159 define aquelas de uso restrito, que

embalagens do defletor, sunvisor e das grades superior

precisam ser controladas e para as quais é necessário

e inferior o que resultou na redução do uso de 69.600 kg

buscar substituição. Foi o caso de uma graxa usada

de madeira. A redução de plástico de proteção do motor

na Fábrica de Transmissão e um óleo compressor da

resultou em uma redução de 504 kg deste material.

RELATóRIO SOCIOAMBIENTAL Scania 2013


MEIO AMBIENTE

Energia Reduzir o uso de energia e buscar alternativas com menor impacto ambiental. • Dois especialistas estiveram na Scania para

teste de estanqueidade foi introduzido para ajudar a evitar

ajudar a avaliar e identificar potenciais para redução

reteste da caixa de câmbio, substituindo sete máquinas de

do consumo de energia elétrica, constatando que

solda com redução de 15% de consumo de energia.

a redução do ”baseload”, ou seja, do consumo de

• Na unidade de teste de motores, está sendo

energia em horário não produtivo seria a prioridade

desenvolvida uma forma de captar energia nos

para 2013. O trabalho contemplava a eliminação de

dinamômetros hidráulicos, transformando-as em energia

vazamentos de ar comprimido na produção e reforçar a

elétrica a ser extraída de alternadores veiculares de

importância do uso do sistema “Good Night” nas áreas

alta corrente, que será acumulada em baterias para

automáticas da solda, que permite o desligamento do

utilização em pontos de iluminação contribuindo para

ar comprimido nas horas não produtivas.

a conservação de recursos ambientais e redução das

• Realização de estudos para redução no tempo dos banhos das cabinas de 355 segundos para 280

emissões de CO2. • A Fábrica de Motores está fazendo a substituição da

segundos com a mesma qualidade no processo, porém

iluminação por lâmpadas fluorescentes, com redução

com 30% de redução no consumo de eletricidade e

da potência de 400 W para 128 W, e o desenvolvimento

25% de redução no consumo de água.

de um trabalho pioneiro em São Bernardo para

• Na Fábrica de Transmissão, um novo equipamento para

regeneração de energia.

RECONHECIMENTO A Fábrica de Motores recebeu, em 2013, o prêmio Ambiental da AEA – Associação de Engenharia Automotiva - pelo trabalho de regeneração de energia mecânica do Teste de Motores para uso em iluminação de máquinas dos processos de usinagem de Cabeçotes, Blocos, Virabrequim, Picking Line e na Cabina de Pintura.

RELATóRIO SOCIOAMBIENTAL Scania 2013

45


46

meio AMBIENTE

Ar e Água Reduzir as emissões no ar, água e solo e buscar tecnologias mais eficientes e limpas. • Na Fábrica de Cabinas, a quantidade de thinner

de reduzir a quantidade de caixas e fazer melhor

utilizado na limpeza das mangueiras durante as

aproveitamento de contêineres enviados em remessas

trocas de cor foi reduzida de forma significativa com

para a África. Com isso foi possível reduzir o transporte

a instalação do equipamento Solvent Air. A redução

e consequentemente as emissões de CO2. • Na Fábrica de Transmissão foi realizado

varia de 26% a 71% dependendo da cor utilizada no processo de pintura. Com isso foi reduzida a

treinamento com todos os pintores para padronizar

quantidade de resíduos de solvente e a emissão de

a atividade com foco na redução do uso de tintas

compostos orgânicos voláteis.

e solventes. Os bicos das pistolas da pintura primer da Solda de Carcaça do Eixo Traseiro foram

• A Fábrica de Motores continua trabalhando para a substituição do processo de pintura, que hoje é

substituídos por outros com diâmetro menor. Na

à base de solvente, para pintura à base de água. A

pintura da montagem, houve a individualização das

substituição de duas torres de resfriamento do Teste de

linhas de tinta por pistola e linha de tinta primer com

Motores levou a redução do consumo de água devido

retorno, eliminando as limpezas da tubulação devido

a menor perda por evaporação. O grupo de emulsão

a possibilidade de secagem da tinta no interior das

adotou novas rotinas de inspeção das canaletas

mesmas durante períodos de inatividade do processo.

e bicos de flush, a fim de manter todo o sistema

Estas ações contribuíram para a redução de mais de

em condições ideais de funcionamento, após uma

20% do consumo de tinta por unidade produzida nos

manutenção onde foram removidas quatro caçambas

últimos dois anos.

de cavacos e diversas ferramentas que estavam retidas no sistema. Esta atividade irá contribuir para o aumento da vida útil das emulsões do processo. • Na área do KD foi identificada a oportunidade Conjunto do sistema de regeneração, com o painel de controle e o banco de baterias.

RELATóRIO SOCIOAMBIENTAL Scania 2013

Ano

ANTES

DEPOIS

REDUÇÕES

CONTÊINERES

15

12

3

EMISSÃO DE CO2

1.046,5 ton.

837,2 ton.

20%


MEIO AMBIENTE

Resíduos Diminuir a quantidade de resíduos e produtos residuais e buscar, cada vez mais, o reuso e evitar a disposição de resíduos. • Na Fábrica de Cabinas, com o uso de pistolas

Gerenciamento de Resíduos

eletrostáticas na pintura TOP COAT, houve uma

Em 2013 foram geradas na Scania 12.144 toneladas

redução de 20% na geração de borra de tinta.

de resíduos sólidos. Eles são separados junto ao

• Na Fábrica de Transmissão houve correção na

ponto de geração e levados à área de Tratamento de

lógica de funcionamento das bombas de filtragem

Resíduos, que são armazenados em baias e seguem

que resultou na redução de 50% dos filtros utilizados

para diversos fornecedores. A legislação define que

na central de filtragem do teste da Caixa de Câmbio.

o gerador tem responsabilidade solidária (ou seja,

Esses mesmos filtros agora são recuperados e

compartilhada) pelos impactos ambientais que esse

retornam ao processo. A introdução do LES – Live

resíduo possa gerar e a área de Suporte Ambiental

Eletronic Standard na linha de montagem da Caixa de

avalia previamente cada fornecedor e trata da

Câmbio reduziu significativamente as impressões de

documentação junto aos órgãos ambientais para que

Work Orders no processo.

esses resíduos possam ser destinados corretamente.

• Na produção, o projeto Blue Box reduziu a quantidade de madeira e papelão devido a substituição

Avaliação do Impacto de Mudanças - P27

por embalagens retornáveis.

O P27 é o procedimento adotado para comunicação de

• Na Fábrica de Chassis, com uma alteração no

mudanças. A partir dele as áreas de Suporte Ambiental,

plano de embalagens, caixas de papelão foram

Engenharia de Segurança e Proteção Contra Incêndio

substituídas por caixas de madeira retornável, gerando

conseguem avaliar as mudanças desde o início do processo

uma redução significativa do consumo e descarte de

e auxiliar as áreas na proposição de medidas para proteção

papelão.

do ambiente e dos colaboradores.

• Ainda em Chassis, houve a introdução do

Com relação ao Meio Ambiente, ele serve também

abastecimento do líquido de arrefecimento do motor

para assegurar que as mudanças de condições e

por tubulação, o que refletiu na eliminação do uso de

introdução de novos equipamentos sejam previamente

containers de 1000 litros e uma grande diminuição na

avaliadas e aprovadas pelo órgão ambiental do

movimentação interna por empilhadeiras.

estado de São Paulo.

Antes

Depois RELATóRIO SOCIOAMBIENTAL Scania 2013

47


48

meio AMBIENTE

Todas as nossas atividades, em maior ou menor proporção, geram algum tipo de impacto ambiental. Na

Consumo de Água

produção foi realizado um levantamento de aspectos e impactos ambientais que anualmente é revisado. Mas, com o dinamismo com que mudanças são feitas, novos impactos podem ser introduzidos. Daí a necessidade de se fazer uma

m3/ veículo 24

200.000 22

avaliação prévia de eventuais riscos envolvidos.

Eco-Indicadores

m3

18

150.000

12

100.000 7,7

6

A Scania trabalha continuamente para utilizar os recursos de forma eficiente e reduzir as emissões no ar, água e solo, bem como a quantidade de resíduos

0

98

5,8

5,4

07

08

5,4

09

10

6,4 4,6 11

12

50.000 0

gerados.

Consumo de Energia

Compostos Orgânicos Voláteis - VOC

mWh / veículo

mWh

8 6

5,1

kg / veículo

ton

80.000

20

200

60.000

15

150

40.000

10

13 4 2,7

2,7

3,4

2,7

2,5

2 0

98

07

08

09

10

11

12

20.000

5

0

0

10,2 100

8,8

3,1

5,5

5,4

5,9

08

09

10

07

ton

1.200 900

98

07

08

09

10

RELATóRIO SOCIOAMBIENTAL Scania 2013

12

m3 / veículo

12.000

1,6

9.000

1,2

6.000

0,8

3.000

0,4

m3 20.000

1,3

15.000

727 600

0

11

Geração de Efluente Industrial

kg / veículo

460 418 460 364

50 0

98

Resíduo Total

300

5,8

543 384

11

12

0

0

0,8 0,6

0,6

0,7

0,6

0,7

10.000 5.000

98

07

08

09

10

11

12

0


MEIO AMBIENTE

RELAT贸RIO SOCIOAMBIENTAL Scania 2013

49


50

RELAT贸RIO SOCIOAMBIENTAL Scania 2013


51

TECNOLOGIA E AMBIENTE DE TRABALHO Tecnologia das Fábricas A Scania investe continuamente em capitais e tecnologias avançadas em seu parque industrial. Nos últimos anos, a empresa vem atuando com o conceito de Global Production (Produção Global) como uma maneira de se adaptar ao padrão mundial. Os veículos são produzidos na América Latina, em linhas de montagem modernas e tecnologicamente atualizadas, nos mesmos níveis das fábricas da Scania na Europa. As unidades da Scania Latin America têm capacidade de produção de até 28.000 veículos por ano, entre caminhões pesados e ônibus, e de 5.000 motores industriais e marítimos. No processo de produção da Scania, cada veículo recebe um tratamento personalizado com todas as suas características e especificações de acordo com as determinações prévias do cliente. Por meio de um sistema informatizado, o pedido do cliente chega à fábrica e é imediatamente distribuído para todos os setores envolvidos diretamente com a produção do produto. Isso garante a entrega do produto de acordo com suas especificações, e também com a qualidade garantida e no prazo estipulado. Além do controle rigoroso da demanda, que minimiza os níveis de estoque, outros modernos conceitos de logística são utilizados, tais como o “Sequence Delivery” (Entrega Sequenciada) e “Milk Run” (Coleta de peças nos fornecedores).

RELATóRIO SOCIOAMBIENTAL Scania 2013


52

TECNOLOGIA E AMBIENTE DE TRABALHO

Fábrica de Motores Em 2013, a Fábrica de Motores implementou um novo layout na linha do virabrequim. Com essa modificação, foi possível integrar uma nova retífica orbital, que prepara o processo de usinagem de virabrequim para futuras demandas de motores.

As linhas de virabrequim, eixo comando de válvulas e camisa contam com o “Operador Loop”, que orienta a posição que o operador deve atuar naquele exato momento, de acordo com o padrão de trabalho. Com isso, um operador pode atuar em até quatro máquinas em um mesmo ciclo de produção.

Na montagem de motores, foi implementada a montagem automática de pistões com dispositivos que fotografam e controlam a qualidade dos componentes no momento da montagem. O Competence Center, área composta por operadores que focam melhorias específicas, implementaram a estação de montagem automática de eixo comando.

RELATóRIO SOCIOAMBIENTAL Scania 2013


TECNOLOGIA E AMBIENTE DE TRABALHO

As linhas de usinagem de virabrequim passaram a contar com dispositivos ópticos de leitura de dimensões controlando 100% das peças e garantindo a qualidade para o cliente final.

A redução do nível de estoque de peças usinadas permitiu um novo layout para o teste de motores, contando com acessos e janelas de visualização, o que tornou a área mais acessível e segura.

RELATóRIO SOCIOAMBIENTAL Scania 2013

53


54

TECNOLOGIA E AMBIENTE DE TRABALHO

A evolução nos métodos de abastecimento de linhas

alterações nos métodos de montagem para maximizar

permite a eliminação de empilhadeiras não somente

a força de trabalho, tendo como resultado um excelente

em áreas de montagem, mas em áreas de usinagem,

ganho de produtividade com uma redução considerável

onde os componentes tem maiores dimensões e peso. A

de desperdício na área.

movimentação de materiais conta com veículos guiados

Na Usinagem da Carcaça do Eixo Traseiro, com um

automaticamente, os AGVs, sem a utilização

trabalho conjunto entre a Produção e Engenharia, uma

de combustíveis fósseis.

máquina foi eliminada e suas operações foram divididas

A Fábrica de Motores faz parte do Programa Zero

nos centros de usinagem. O resultado dessa atividade

Acidente. Esse é um intenso programa de treinamento

foi a eliminação de riscos ergonômicos e o aumento da

e busca para a eliminação de riscos em atividades de

produtividade da área.

manufatura que teve início em 2013. Foi criada também

A Logística integrou o conceito do Master Logistic

a área SHE (Safety Health and Environment) como

dentro da rotina do Analista de Embalagem e de

fórum de discussão e planos de melhoria.

Desenvolvimento. O resultado esperado com a

Fábrica de Transmissão

aplicação desse conceito é obter a melhor relação custo

O Programa Zero Acidente começou como um piloto na fábrica e agora está enraizado entre os colaboradores. As atividades desenvolvidas no ano anterior foram revisitadas e abordadas em uma outra perspectiva. Foram criadas novas atividades para todos que pudessem participar de uma forma lúdica e também envolver os familiares, mantendo o pensamento em segurança sempre vivo no dia a dia. Os conceitos do Sistema de Produção Scania continuam sendo aperfeiçoados. Agora o RTM (Real Time Management) não faz parte só das células de montagem, mas também das linhas de abastecimento da Fábrica (Line e Factory Feeding) e da Usinagem, tornando a busca pela eliminação dos desvios permanente e incorporada à rotina diária. Essa busca incessante pela eliminação dos desvios fez com que a Célula da Montagem de Diferencias participasse do projeto piloto de “Root Cause Analysis” (Análise da Causa Raiz), projeto que visa alterar o modo de pensamento na Scania em relação ao tratamento de desvios. Agora, as ações corretivas não são somente pontuais e específicas no local de ocorrência. Após uma investigação detalhada, busca-se sempre corrigir o processo que falhou ou o sistema que não existiu e que permitiu que o desvio ocorresse. O Grupo Kaizen (melhoria contínua) centralizou suas atividades na linha de montagem da Caixa de Câmbio, com foco principal na adequação da carga de trabalho nas pré-montagens. Foram realizadas alterações em layout, mudança de métodos de abastecimento e

RELATóRIO SOCIOAMBIENTAL Scania 2013

x benefício de um método de abastecimento, desde a saída do material do fornecedor até a sua entrega no ponto de consumo nas linhas de produção. A busca pela excelência fez com que as células de montagem desenvolvessem um padrão de verificação dos dispositivos a prova de erros (POKA-YOKES) instalados nos processos. Esse método tem por objetivo garantir que todos os sistemas a prova de erros em


TECNOLOGIA E AMBIENTE DE TRABALHO

operação possuam um acompanhamento e atuem

A linha de montagem de caminhões é composta por

de forma eficaz, garantindo que possíveis desvios do

32 postos de trabalho, além da área de Revisão Final.

processo não sejam enviados aos clientes.

O processo começa com a montagem do quadro do

Fábrica de Chassis

chassi, seguido pela preparação elétrica, hidráulica

Com aproximadamente 23.000 m2, a Fábrica de Chassis comporta as linhas de montagem de caminhões e chassi de ônibus, com capacidade atual de produção de 28.000 produtos ao ano. A Fábrica é responsável por receber os componentes enviados pelas outras fábricas, como motor, câmbio, eixos e cabina e também é responsável por montá-los junto com o chassis para formar o produto final que será entregue aos clientes com segurança, qualidade e no prazo requerido. A fábrica também realiza pré-montagens de componentes destinados aos mercados KD, os quais são enviados para outros países

e pneumática. É iniciada então a montagem dos componentes como eixos, o powertrain (conjunto de motor e cambio), e por fim a cabina. O processo de montagem é divido em 9 áreas, sendo que ao final de cada uma delas existe um posto de inspeção de qualidade, chamado de Quality Gate. Seu propósito é detectar possíveis desvios que venham ocorrer durante a montagem do produto, de modo a contê-los, evitando problemas nos processos seguintes, além de mapear as informações em Tempo Real, tornando possível a não reincidência.

para a sua montagem final. As linhas de montagem são equipadas com tecnologia de ponta, presente nos transportadores automáticos dos produtos ao longo de todo o processo, plataformas elevatórias de montagem, sistemas de içamento de carga, sistema flutuante de montagem de eixos (colchão de ar), apertadeiras múltiplas com controle de torque e rastreabilidade e sistemas visuais de informação, sempre com o objetivo de conferir a máxima segurança dos colaboradores e terceiros, qualidade total ao produto de acordo com as especificações, além de um ritmo estável e confiável de entrega. O processo como um todo é organizado em pequenos grupos de trabalho, chamados de “Small Teams”, com papéis e responsabilidades bem definidos para toda a organização, de forma a garantir a segurança, qualidade e produtividade na execução das atividades. Com essa organização, é possível desenvolver e manter os Métodos de Trabalho Padronizados em um nível adequado por meio do gerenciamento visual de 5´S em cada posto de trabalho, onde todas as ferramentas e equipamentos estão organizados e disponíveis na melhor posição possível para os operadores, considerando distância e ergonomia. Em conjunto, é aplicada diariamente o que chamamos de Manutenção Integrada, garantindo alta disponibilidade dos equipamentos. Essa é a base para a criação de Padrões de Trabalho que garantirão um processo livre de acidentes e de desvios de qualidade.

RELATóRIO SOCIOAMBIENTAL Scania 2013

55


56

TECNOLOGIA E AMBIENTE DE TRABALHO

A linha de montagem de chassis de ônibus é composta

produtos Scania e componentes em uma forma de

por 13 postos e possui as mesmas características

amostragem, nossos veículos são auditados pela

e estrutura presentes na linha de caminhões. Após

área de auditoria da qualidade, onde montagem,

montados, os chassis de ônibus são enviados para

torque, acabamento e desempenho do produto são

reindustrialização em empresas especializadas em

verificados.

carrocerias e implementos para a montagem final do veículo. Para acompanhar a evolução do processo de produção

Caso algum desvio seja detectado, as áreas envolvidas são informadas imediatamente para providenciar as devidas ações.

foram introduzidos novos métodos de abastecimento de materiais e mudanças nos planos de embalagens

Fábrica de Cabinas

com o objetivo de melhorar o nível de eficiência do

Na Fábrica de Cabinas, um dos grandes desafios de

fluxo logístico. As peças são abastecidas em carrinhos

2013 foi de atender a um volume de produção inédito,

customizados de acordo com a necessidade do posto

mantendo estabilidade e a constante evolução dos

de trabalho, garantindo a qualidade e melhorando a

processos. O sucesso dos resultados atingidos ocorreu

ergonomia para o colaborador. Os kits são montados de

devido ao alto grau de envolvimento e motivação de

acordo com a sequência de produção e entregues o mais

toda a equipe de produção e suas áreas de suporte.

próximo possível do ponto de utilização, minimizando o

Com um plano estratégico, as lideranças dentro

percurso do colaborador dentro do posto de montagem.

dos processos e as orientações do padrão SHE

Com a introdução das pré-montagens de componentes

(Segurança, Saúde e Meio Ambiente), direcionaram

próximos à linha, foi possível otimizar o tempo mantendo

uma grande parte dos esforços na implementação de

uma sequencia de entrega, eliminando estoques

melhorias, buscando sempre um ambiente de trabalho

intermediários e transporte desnecessário.

seguro e saudável.

A Fábrica de Chassis conta ainda com uma pequena

Ações diversas de prevenção contra acidentes foram

área chamada de Clínica, onde são verificados novos

executadas, com destaque para a iniciativa “Mãos na

itens, (ECOs) e produtos, facilitando o treinamento e

Cabina” que com simples ações nos equipamentos e

validação dos Standards e Elementos antes da entrada

padrões, implementou melhorias como a instalação de

na linha.

proteções fixas em partes rotativas das máquinas. Na

Ao final dos processos, todos os veículos são

linha de Pintura Primer, um transportador manual Smart

enviados para a área de Revisão Final, onde 100%

Mover é o responsável por movimentar as cabinas

dos caminhões e ônibus são testados no equipamento

soldadas, melhorando a ergonomia da operação.

denominado “Brake Analyser” (analisador de freios).

O Desenvolvimento Logístico foi responsável pela

Em seguida, são colocados em plataformas elevatórias

substituição da embalagem dos bancos e das portas,

para a verificação da montagem dos itens de

resultando na eliminação de resíduos e otimização do

segurança, como sistema de direção, freio e montagem

transporte. Em um trabalho conjunto, as Engenharias

em geral, possíveis vazamentos, além de acabamento

de Produção, Manutenção e de Segurança mapearam

externo e interno. Após estas etapas, é realizado o

os dispositivos de segurança das atuais 90 mesas

test drive do caminhão na pista de teste, onde ocorre

elevatórias da fábrica e criaram um padrão referência

a verificação do desempenho e funcionamento dos

para a aquisição de novas mesas.

veículos. Os Chassis de ônibus são testados em um

De maneira lúdica, o Programa Zero Acidente

equipamento chamado Dinamômetro de Teste, com o

convida todas as pessoas a participar e opinar sobre

mesmo foco do teste em pista. Posteriormente, os veículos

como manter um ambiente de trabalho sempre seguro.

são liberados para o mercado ou seguem para a área de FFU - Fit For Use. Para aferirmos os níveis de qualidade dos

RELATóRIO SOCIOAMBIENTAL Scania 2013

Em uma organização que sempre aprende, os treinamentos são levados da teoria na sala para a prática nos processos. Em 2013, diversas lideranças e


TECNOLOGIA E AMBIENTE DE TRABALHO

colaboradores foram treinados para resolver problemas

algumas concessionárias, foi possível estabelecer uma

de maneira mais eficiente. Com o piloto do Problem

aproximação maior com o cliente final Scania.

Solving, pratica-se como encontrar e eliminar as

As semanas Kaizen ensinam os colaboradores a

causas que dão origem às falhas nos processos. Com

mapear e reduzir as atividades que não agregam valor

o método do P-FMEA, vários novos engenheiros e

aos olhos dos nossos clientes. Os processos de solda,

líderes passaram a antecipar possíveis falhas ainda na

Pintura Final e montagem conseguiram reduzir seus

fase de projeto dos novos processos.

tempos de ciclo em alguns importantes segundos através

Para garantir sempre a entrega de um produto com qualidade Premium e que este tenha sido produzido

da eliminação de desperdícios. Neste ano, foi iniciada a construção da nova fábrica

sem desperdícios, os processos de cabinas estão em

de Pintura Final que terá um processo atualizado e

constante evolução.

moderno, com uma tecnologia de tinta que segue as

O método de inspeção de pintura STD4101 passa por constantes calibrações para que o acabamento

tendências do setor. Com uma gestão eficiente dos projetos de

externo da cabina esteja sempre no nível correto.

investimentos, é possível fazer o acompanhamento

Caso algum desvio de qualidade chegue a um cliente,

desse e de outros projetos nos próximos 5 anos por

mesmo interno, ele será tratado com alta prioridade

meio do método “5 Years Plan”.

nas reuniões da Cab Quality Pulse. Com visitas a

RELATóRIO SOCIOAMBIENTAL Scania 2013

57


58

TECNOLOGIA E AMBIENTE DE TRABALHO

Células de Trabalho Áreas Produtivas

convocada para participar de uma reunião. Com isso, as

A Scania consolidou o conceito de células de trabalho

informações são mais precisas, detalhadas e tratadas

em todos os processos, de forma a garantir uma gestão

no momento em que elas ocorrem. Os itens que não são

eficiente e produtiva, o que é necessário para manter

resolvidos são escalados para o visual planning, no qual

sua competitividade em uma economia globalizada.

as áreas suportes são envolvidas para a busca de uma

Atualmente as células de trabalho estão organizadas em

solução eficaz e não somente emergencial do item.

pequenos grupos, denominados “Small Teams”, termo

As células estão dispostas em um layout estudado e

em inglês que significa “Pequenos Times ”. Esse, por sua

discutido com os próprios colaboradores responsáveis

vez, é formado por um Team Leader que, em conjunto

por produzi-las, nas quais a segurança e a qualidade são

com um grupo de 5 a 7 colaboradores, é responsável

priorizadas de modo a atender às prioridades do Sistema

por gerar as condições necessárias para garantir Zero

de Produção Scania.

Acidente e Zero Desvio de qualidade no processo. Essa

Os colaboradores da produção utilizam um uniforme

formação permite que cada Team Leader dê suporte

composto de calça e camisa social. Trabalham em

para a sua equipe em caso de distúrbios no processo e

equipe, de forma autônoma, e estão completamente

para que possa treiná-los conforme os padrões, além de

integrados aos negócios da Scania. Eles estão

acompanhá-los durante o turno de trabalho. Isso gera as

conscientes de suas metas dentro da empresa e dos

condições para um ambiente de trabalho motivador e de

objetivos no setor de atuação, de acordo com o plano

desenvolvimento para todo o time.

estratégico de cada área.

Foi introduzido um novo conceito que facilita as

A relação entre liderança e colaboradores é participativa

investidas contra interferências e desvios em tempo

e qualquer mudança é discutida em conjunto. O trabalho

real, que é chamado de RTM (Real Time Management).

em equipe é o princípio fundamental da célula de

Neste conceito, o dia é dividido em 4 períodos, onde

produção, e isso resulta em maior produtividade, melhor

o supervisor e os team leaders apontam, analisam e

qualidade e maior grau de satisfação dos colaboradores.

discutem ações sobre aquele período de modo a ter

Com um longo trabalho de treinamento e atualização,

maior controle e ações em tempo real. Quando há um

todos os colaboradores da Scania são envolvidos em

desvio de responsabilidade de uma área suporte, ela é

técnicas e procedimentos inovadores. O conceito de

RELATóRIO SOCIOAMBIENTAL Scania 2013


TECNOLOGIA E AMBIENTE DE TRABALHO

cliente/fornecedor é aplicado diariamente, onde uma

a regulagem de altura e encosto das cadeiras e

área é cliente da outra. Todos buscam formas de melhor

mesas com bordas arredondadas. Alguns conceitos relacionados à gestão de qualidade

satisfazer os clientes internos e externos. Esse é o procedimento até o produto final. A

e produtividade também foram disseminados

qualidade é garantida em cada etapa do processo

aos colaboradores e incorporados nas células

produtivo, onde cada célula age de forma autônoma,

administrativas, resultando em:

como se fosse uma empresa independente com suas

• Melhor organização do ambiente de trabalho;

próprias metas e compromissos. As áreas de suporte,

• Racionalização de espaço;

como Engenharia, Logística e Manutenção, são

• Prática da melhoria contínua;

partes integrantes do processo de desenvolvimento

• Padronização do trabalho;

• Gerenciamento visual, entre outros.

e implantação das células de produção, atuando no sistema de trabalho em equipe. Uma das bases do Sistema de Produção Scania é o respeito para com o indivíduo, já que a Scania entende que os colaboradores estão entre os maiores patrimônios da empresa.

Áreas Administrativas O conceito de célula de trabalho adotado nas áreas de produção também foi incorporado nos escritórios. Ambientes antes fechados por divisórias e salas foram remodelados em espaços abertos, com nível de visão suficiente para favorecer maior interação entre as pessoas. A fim de oferecer ainda mais conforto e melhoria nas condições de trabalho dos colaboradores, o uso da luz natural foi melhorado e a houve também a adoção de um padrão mobiliário com modernos conceitos ergonômicos, entre eles

Colaboradores e liderança estão integrados a um mesmo ambiente e também estão fisicamente mais próximos, o que faz com que a comunicação e a resolução das questões do dia a dia sejam resolvidas com mais facilidade. Na equipe, é possível que haja mais compartilhamento e também a ampliação do conhecimento, o que contribui para manter a motivação e sinergia. Num caminho contínuo de evolução, os escritórios e salas de apoio contam com modernos recursos audiovisuais, de telecomunicações e softwares que tornam as comunicações internas e externas mais dinâmicas e eficientes. Avanços obtidos desde o ambiente físico, gestão participativa e evolução tecnológica resultam em colaboradores mais satisfeitos no trabalho e o aumento da produtividade como consequência.

RELATóRIO SOCIOAMBIENTAL Scania 2013

59


TECNOLOGIA E AMBIENTE DE TRABALHO

SPS - Sistema de Produção Scania O SPS - Sistema de Produção Scania - é a

altamente comprometida e motivadora, os processos

plataforma comum que resume os valores, princípios e

e atividades são continuamente melhorados e as boas

prioridades da organização Scania, os quais sustentam

práticas são compartilhadas por toda a organização.

os métodos de trabalho no sistema de produção global.

Esse conceito de trabalho está sendo cada vez mais

Essa é a representação da cultura da empresa e a

estendido também aos fornecedores, de forma a fortalecer e

referência para toda e qualquer unidade de produção da

flexibilizar a cadeia produtiva da Scania.

marca no mundo.

O SPS certamente continuará a impulsionar a empresa em

Por meio dos colaboradores que compõem as células de trabalho, grupos de melhorias e uma liderança

direção ao futuro, para a construção de uma Scania ainda mais forte.

Prioridades 1. Segurança / Meio Ambiente 2. Qualidade 3. Entrega 4. Custo

Produção Baseado no Consumo

Melhoria Contínua Correto a Partir de Mim

60

Situação Normal - Métodos de Trabalho Padronizados Liderança Gerenciando pelo Meios Cliente em Primeiro Lugar

RELATóRIO SOCIOAMBIENTAL Scania 2013

Respeito para com o Indivíduo

Eliminação de Desperdícios


TECNOLOGIA E AMBIENTE DE TRABALHO

SRS - Scania Retail System SRS - Scania Retail System - é a abordagem

Dessa forma, os colaboradores são sempre

sistêmica utilizada na rede de vendas e serviços

estimulados a visualizar o seu processo com a

para melhorar a eficiência do atendimento

percepção de valor dos clientes em relação ao que

oferecido aos nossos clientes.

efetivamente agrega valor para eles. Isso faz com

Cada segmento da organização segue o conceito

que as suas necessidades sejam atendidas de forma

SRS, tendo como referência os valores, princípios

cada vez mais eficaz, graças a melhoria dos fluxos

e prioridades que sustentam os métodos de

de trabalho e a melhoria contínua, as quais são

trabalho do dia a dia, tanto os internos da Scania,

firmemente motivadas e apoiadas pelas lideranças e

quanto os dos grupos econômicos que

que ocorrem através de seus colaboradores.

representam a sua marca.

Resultado direcionado à percepção de valor do cliente

Correto a partir de mim

Melhoria contínua Prioridades 1. Segurança/Saúde/Meio Ambiente 2. Qualidade 3. Entrega 4. Custo

Situação normal - Cliente rentável Tempo real

Planejamento

Modularização

Padrões

Visual

Liderança O cliente em primeiro lugar

Respeito para com o indivíduo

Eliminação de desperdícios

RELATóRIO SOCIOAMBIENTAL Scania 2013

61


62

TECNOLOGIA E AMBIENTE DE TRABALHO

Saúde e Segurança Ocupacional

Saúde e Segurança Ocupacional Programa Zero Acidente

as Fábricas de Chassis, Cabinas, Motores, KD e

Em 2012, teve início o piloto do Programa Zero

Manutenção. A expectativa é de que os mesmos

Acidente na nossa Fábrica de Transmissão. A iniciativa

resultados sejam alcançados.

do programa ocorreu devido à necessidade de reduzir o número de acidentes e propiciar condições mais

Gerenciamento de Mudanças

seguras de trabalho.

Em 2012, a Scania informatizou o seu sistema

O programa tem como objetivo mudar o modelo de

de gerenciamento de mudanças decorrentes de

pensamento da organização através do envolvimento

atividades não rotineiras. Este sistema monitora

e comprometimento das lideranças e colaboradores

processos, aquisição ou desativação de máquinas,

das áreas, praticando a melhoria contínua na

equipamentos e instalações de trabalho e visa prevenir

prevenção de acidentes.

a ocorrência de acidentes, impactos ambientais e

Os resultados foram muito positivos, apresentando uma

descumprimento à legislação. As avaliações são

redução de 60% no número de acidentes em 2013, em

realizadas pelas áreas de Engenharia de Segurança,

comparação ao mesmo período de 2012 (mês de outubro

Meio Ambiente e Proteção contra Incêndio.

como referência). Em 2013, o mesmo programa foi ampliado para RELATóRIO SOCIOAMBIENTAL Scania 2013

Durante o ano de 2013, mais de 1.000 solicitações foram realizadas. Além de garantir o atendimento aos


TECNOLOGIA E AMBIENTE DE TRABALHO

requisitos legais, elas proporcionam um ambiente de trabalho seguro e saudável.

Também neste ano foi padronizado o processo da rotulagem de produtos químicos que visa facilitar a identificação, proporcionando maior segurança no seu

Comissão de Produtos Químicos

manuseio. A rotulagem dos produtos é importante para

Em Junho de 2013, os trabalhos da comissão de

identificação e informação aos colaboradores sobre

produtos químicos foram iniciados. Ela conta com

os perigos associados ao uso e as principais medidas

a participação de representantes das Fábricas

de precaução que devem ser adotadas para que um

de Chassis, Cabinas, Motores, Transmissão,

manuseio seguro seja estabelecido.

Manutenção, KD e Protótipo. O objetivo da comissão é melhorar/agilizar os seguintes pontos:

Ergonomia A Scania possui uma ferramenta de avaliação ergonômica corporativa para a avaliação de áreas produtivas chamada

• Adequação legal das áreas sobre assuntos relacionados a produtos químicos;

• Minimizar o número de produtos químicos diferentes aprovados para uso; • Garantir que os procedimentos relacionados a produtos químicos sejam cumpridos por todos os colaboradores envolvidos;

avalia 20 itens ergonômicos, tais como: posturas no

• Manter a lista de produtos químicos atualizada nas áreas de uso/armazenamento;

precisam considerar possibilidades de melhorias e VERDE

• Identificar requisitos de treinamentos específicos para um produto quando necessário;

• Disponibilizar as informações dos grupos de produtos químicos para os colaboradores;

• Garantir que os perigos relacionados ao uso de produtos químicos estejam sendo comunicados aos colaboradores;

• Estabelecer um programa de controle de materiais perigosos.

SES - Padrão Scania de Ergonomia. Essa ferramenta trabalho, manipulação de peças, equipamentos e esforços. O SES classifica os critérios de prioridades de ação por cores, sendo VERMELHO para os itens que devem ser melhorados prioritariamente, AMARELO para os que para as condições aceitáveis. O SES foi implementado em 2009 e todos os postos de trabalho foram mapeados até dezembro de 2011. Por meio dessa classificação, são implementadas ações de melhorias nos postos de trabalho, com o objetivo de prevenir o surgimento de sobrecargas musculares, o que melhora a qualidade de vida dos colaboradores.

RELATóRIO SOCIOAMBIENTAL Scania 2013

63


64

RELAT贸RIO SOCIOAMBIENTAL Scania 2013


65

ASSISTÊNCIA AO COLABORADOR Gestão de Saúde A Scania tem como foco a melhoria da qualidade de vida, o bem-estar e a saúde dos colaboradores e seus familiares. Para isso, disponibiliza os programas e benefícios a seguir:

1 - Ambulatório Interno • Atendimento Médico e Odontológico • Campanhas de Vacinação • Enfermagem • Exames Laboratoriais • Fisioterapia • Gerenciamento da Saúde de Crônicos

5 - Scania Clube • Exclusivo para Colaboradores e Ex-Colaboradores Aposentados e seus Dependentes • Infraestrutura para Atividades de Esporte, Lazer e Cultura

6 - Seguro

• Orientação Nutricional

• Assistência Funeral

• Programa Alongamento Scania

• Seguro de Vida em Grupo

• Programa Reforço Muscular • Programas de Estímulo à Atividade Física • Tratamento Anti-Tabagismo

2 - Plano de Saúde - Auto Gestão • Assistência Farmacêutica • Assistência Médica-Hospitalar

7 - Serviço de Alimentação • Acompanhamento Nutricionista • Restaurantes Próprios

8 - Suporte Psicossocial • Atendimento Psicológico • Atendimento Social

• Assistência Odontológica

9 - Transporte 3 - Previdência • Convênio com o INSS • Pecúlio • Previdência Privada

4 - Programas Sócio-Educativos

• Serviço Fretado Exclusivo para

Colaboradores

10 - Outros Benefícios • Auxílio Cesta Básica • Auxílio Creche e Babá

• Menores Aprendizes

• Brinquedos de Natal

• Saúde Mental

• Complementação Auxílio Doença

• Semente de Esperança

• Homenagem por Tempo de Serviço

(Famílias com Crianças Especiais)

• Reembolso de Escola Especial

• Prevenção e Tratamento de Dependentes Químicos

RELATóRIO SOCIOAMBIENTAL Scania 2013


66

ASSISTÊNCIA AO COLABORADOR

Gestão do Plano de Saúde PrevSaúde - Associação de Assistência

Convênio - INSS

Médica Privada - é a entidade responsável pela

A finalidade desse convênio é facilitar o acesso dos

administração do plano médico e social oferecido aos

colaboradores da Scania aos benefícios do INSS, seja

colaboradores da Scania.

através de esclarecimento de dúvidas, ou realizando

O universo de beneficiários contempla colaboradores

os processos administrativos junto à Previdência Social

ativos, aposentados e seus dependentes, subsidiando,

para a concessão de benefícios previdenciários e

além do atendimento médico, medicamentos e também

pagamentos de auxílio doença e acidente do trabalho.

tratamentos odontológicos. A Scania adota o sistema de autogestão, no qual a

Complementação do Auxílio Doença

empresa patrocinadora do benefício define sua

Além do benefício pago pela Previdência Social, o

estrutura operacional e gerencial. O atendimento é

colaborador da Scania que ficar afastado por auxílio

realizado por uma rede com aproximadamente 250

doença ou acidente do trabalho recebe da Previscania

convênios que atende o ABC paulista, Diadema, Mauá,

uma complementação salarial por período determinado,

Ribeirão Pires, Baixada Santista e São Paulo.

sendo que esta pode chegar a 100% de seu saláriobase.

Benefícios Previdenciários Por meio da Previscania são concedidos benefícios

Seguro de Vida

previdenciários aos colaboradores da Scania. Todos

A Previscania concede, um seguro de vida com

esses benefícios seguem regras definidas pela PREVIC

indenização para casos de morte natural ou acidental

e pelo regulamento de benefícios da Previscania.

de colaboradores ativos. Para os casos de morte natural, este valor pode chegar a 24 vezes o salário base do colaborador e, nos casos de morte acidental, a indenização é de duas vezes a de morte natural. Existe cobertura adicional para os cônjuges.

SHE - Safety, Health and Environment (Segurança, Saúde e Meio Ambiente) Promote and develop

Organisation level

Group level

Individual level

RELATóRIO SOCIOAMBIENTAL Scania 2013

Prevent and react

Solve and learn from deviations


ASSISTÊNCIA AO COLABORADOR

Assistência Funeral

emocionais e de relacionamento, além de encaminhar

Com o objetivo de dar assessoria nas providências

e fazer acompanhamento para tratamentos

necessárias para a realização de funeral,

especializados nas áreas de psicologia, psiquiatria e

um serviço 24 horas está disponível para os

dependência química.

colaboradores e familiares. Estão cobertos

Em 2013 foi implementado o projeto piloto do

colaboradores, cônjuges e filhos de acordo com a

OBM - Organizational Behavior Management - o

relação de dependência, semelhante à adotada pelo

qual, por meio de mudanças realizadas na empresa,

imposto de renda.

objetivou o estímulo de comportamentos relevantes para a organização e para o indivíduo, resultando em

Plano de Aposentadoria O Plano de Aposentadoria é outro benefício

colaboradores motivados. A área de Psicologia participa ativamente do

administrado pela Previscania e que tem a

programa antitabagismo da Scania, que visa estimular

finalidade de complementar o benefício pago pela

o colaborador a deixar o vício do cigarro, criando um

Previdência Social. Existem duas formas

plano de ação personalizado que inclui o suporte

de complementação: a de benefício único e a

psicológico, a percepção dos comportamentos

de benefício contínuo, com pagamento de

associados ao vicio e o acompanhamento médico para

renda mensal.

o tratamento medicamentoso quando necessário.

Programas

Serviço Social

Prevenção e Tratamento de Dependentes Químicos Todos os colaboradores e respectivos familiares com diagnóstico de dependência química são inseridos

Suporte Social, Afetivo e Emocional

no programa, tratados em clínicas especializadas e

O Serviço Social tem como missão dar suporte social,

como parte do pós-tratamento, participam do Grupo de

afetivo e emocional ao colaborador e a sua família.

Apoio realizado na empresa, cujo enfoque principal é a

Neste sentido, realiza atendimentos e estudos de

prevenção às recaídas e a reconstrução dos vínculos

casos para melhor orientar questões pertinentes aos

afetivos rompidos.

relacionamentos profissionais, familiares e conflitos pessoais e existenciais. Por meio do desenvolvimento de Grupos de Apoio, o Serviço Social reúne pessoas com demandas semelhantes para que juntos, através da troca de experiências e discussão de diversos temas e estudos, possam buscar soluções para suas dificuldades. O suporte também auxilia as lideranças em suas demandas do dia a dia, no que se refere ao tratamento de seus colaboradores em situações que necessitem da intervenção do Serviço Social.

Semente de Esperança - Este programa envolve crianças portadoras de necessidades especiais e seus pais, colaboradores da Scania, que recebem tratamento nas diversas áreas da Saúde e Educação. O Serviço Social avalia cada caso para a à inclusão no Programa e desenvolve trabalhos com os pais através do grupo com encontros mensais, onde os casais têm a oportunidade de trabalhar sentimentos, discutir dificuldades e compartilhar vitórias alcançadas. Saúde Mental - São incentivados pelo Serviço Social a participarem do Grupo de Apoio os colaboradores

Suporte Psicológico

e seus familiares em tratamentos psiquiátricos e

Tem por objetivo oferecer suporte e orientação aos

psicológicos ou que necessitam de tratamentos nessas

colaboradores e possíveis familiares com dificuldades

áreas mas ainda não tenham aderido aos mesmos.

RELATóRIO SOCIOAMBIENTAL Scania 2013

67


68

ASSISTÊNCIA AO COLABORADOR

Outros Benefícios Assistência Jurídica Assuntos da esfera jurídica podem ser tratados nos atendimentos, com os advogados que a empresa disponibiliza para os colaboradores.

Auxílio Creche e Babá Colaboradoras com filhos têm direito ao auxílio creche ou auxílio babá mensal até que eles completem 5 anos de idade.

Reembolso Escola Especial Colaboradores cujos filhos sejam portadores de necessidades especiais que frequentam escolas e que façam parte do Programa Semente de Esperança, têm direito ao benefício “reembolso escola especial” mensalmente, desde que o casal participe das reuniões do Grupo.

Brinquedos de Natal No Natal são distribuídos brinquedos aos filhos de colaboradores que tenham até 12 anos de idade. Em 2011, foram distribuídos 1.747 brinquedos para os filhos dos colaboradores.

Homenagem por Tempo de Serviço A Scania celebra o tempo de casa dos colaboradores. Em 2013, no Scania Clube foram homenageados, juntamente com familiares, 104 colaboradores que completaram 25 anos de Scania. Esses colaboradores receberam em uma solenidade no Auditório Central um relógio de ouro com seu nome gravado, entregue pelo Presidente. Também foram homenageados os colaboradores que completaram 10 anos de Scania, que receberam o Pin de Prata em almoço festivo com familiares.

RELATóRIO SOCIOAMBIENTAL Scania 2013


ASSISTÊNCIA AO COLABORADOR

Scania Clube Localizado junto à Unidade de São Bernardo do

atividades externas são identificadas e realizadas como

Campo, o Scania Clube dispõe de instalações que

caminhadas ecológicas, excursões, teatro e pescaria.

favorecem a implementação de um consistente programa de Qualidade de Vida. O Scania Clube dispõe de piscina aquecida, pista de

O Clube recebeu mais de 23 mil visitantes em 2013, número 77% superior ao verificado em 2012.

Ex-Colaboradores Aposentados

Cooper, ginásio poliesportivo, quadras de tênis, quadra

Semanalmente, ex-colaboradores aposentados se reúnem

de futebol society, quadra de vôlei de praia, academia

no Scania Clube para desenvolvimento de atividades

de ginástica, loja de artigos da grife Scania, sauna e

voltadas para sua faixa etária e condições físicas. Além

quiosques com churrasqueiras.

disso, foi constituída uma Diretoria da Melhor Idade dentro

São oferecidas aulas de ginástica e condicionamento físico, tênis, pilates, escolinha de futebol e vôlei, aulas de natação, caminhadas e corridas, além de programas direcionados para grupos da Terceira Idade. Através de pesquisa com os colaboradores,

da Diretoria Executiva do Clube, que tem como foco os interesses desses ex-colaboradores. Com o apoio da empresa, os aposentados criaram uma cooperativa, na qual prestam serviços de mão de obra para a comunidade na área de construção civil.

RELATóRIO SOCIOAMBIENTAL Scania 2013

69


70

ASSISTÊNCIA AO COLABORADOR

Alimentação O Serviço de Alimentação da Scania possui como

em seus três restaurantes em sistema self-service

principal objetivo o bem estar por meio da nutrição,

total, o Serviço de Alimentação conta com equipe de

tendo consciência de que a medicina preventiva está

profissionais capacitados.

apoiada na alimentação saudável. Na busca desse

Eles são responsáveis pelo controle rígido da

conceito, que é aplicado diariamente, são elaborados

qualidade dos produtos, tanto na escolha dos

cardápios balanceados, sempre voltados para a

fornecedores, recebimento e armazenamento do

satisfação e qualidade de vida.

produto, quanto no momento do atendimento interno,

De forma interativa, os colaboradores têm conhecimento dos nutrientes e calorias oferecidos em suas refeições através de informações nutricionais e

sem nunca perder o foco nas normas de higiene e respectivas portarias. Eventos culturais e festivos ocorrem em datas

orientações específicas. Na entrada dos restaurantes,

especiais, como os tradicionais almoços de Natal e

os colaboradores podem visualizar o “farol nutricional”,

Páscoa. A Scania está inscrita no PAT – Programa de

uma maneira de informá-los sobre os alimentos de

Alimentação do Trabalhador – do Ministério do Trabalho

consumo livre, moderado ou restrito. Para informações

e o desconto da refeição básica corresponde até 20%

mais detalhadas, é oferecido um atendimento

do custo. O valor da refeição básica é acrescido de

dietoterápico individualizado no ambulatório médico.

acordo com os opcionais escolhidos, que vão desde

Para atender cerca de 3.700 refeições por dia

RELATóRIO SOCIOAMBIENTAL Scania 2013

saladas diferenciadas até grelhados e sobremesas.


ASSISTÊNCIA AO COLABORADOR

Transporte Pensando na qualidade de vida, segurança e conforto, a Scania disponibiliza linhas de ônibus e vans

Participação no Custo de Transporte

subvencionadas com itinerários pré-definidos para o transporte de seus colaboradores entre a residência e a empresa e vice-versa.

Colaborador 20%

Scania 80%

RELATóRIO SOCIOAMBIENTAL Scania 2013

71


72

RELAT贸RIO SOCIOAMBIENTAL Scania 2013


73

O Papel da Scania na Sociedade Ciente dos efeitos da poluição sobre o nosso planeta, a Scania procura fazer a sua parte diminuindo estes impactos através do desenvolvimento produtos que agridam minimamente o meio ambiente. A Scania realiza também campanhas educativas sistemáticas com o objetivo de reduzir o desperdício, envolvendo colaboradores e seus familiares, sempre incentivando a multiplicação dessas informações, além de se preocupar com a comunidade onde s e encontra inserida. Desta forma, a empresa trabalha ativamente criando novos empregos e oferecendo oportunidades de inclusão social, tanto para pessoas portadoras de deficiências, quanto para pessoas em situação de vulnerabilidade social. A Scania prima pela capacitação profissional de seus colaboradores, incentivando-os a tomar conhecimento de suas competências e melhor lapidá-las. No que se refere ao aspecto pessoal, desenvolve trabalhos onde colaboradores, familiares e convidados possuem a oportunidade de discutir temas que facilitam a busca do autoconhecimento, sempre enfatizando a importância da ética e transparência nas relações profissionais e pessoais.

Menor Aprendiz A Scania, por meio de parceria com o CAMP (Centro de Formação e Integração Social) de São Bernardo do Campo, desenvolve adolescentes em condições de vulnerabilidade social para inserção no mercado de trabalho. O programa facilita a inclusão social desses menores na medida em que os prepara tanto do ponto de vista profissional quanto pessoal. Além de abrir espaço para que estudem, discutam e apresentem seminários sobre cidadania, o programa contempla aulas de informática, inglês e espanhol.

RELATóRIO SOCIOAMBIENTAL Scania 2013


74

O Papel da Scania na Sociedade

Ação Social A Scania, seus colaboradores, familiares e amigos há

Em 2013, profissionais da Scania assessoraram a

muito tempo desenvolveram a cultura da filantropia

instituição, intermediando os contatos entre esta e

e do voluntariado. Através de uma ação séria e

as áreas da prefeitura de Mauá, responsáveis pela

comprometida, a Scania atua como facilitadora,

aprovação de seus projetos sociais. Por meio da

apoiando os diversos Grupos existentes na empresa

obtenção de registro no FUNCAD, a instituição obteve

e disponibiliza colaboradores para realizar estudos e

ajuda financeira tanto do poder público, quanto da

projetos para instituições sociais.

iniciativa privada através de doações incentivadas,

Instituição Assistencial - Recanto Tia Célia

inclusive por parte da Scania.

Localizada no município de Mauá, a Instituição Assistencial Tia Célia desenvolve atividades de caráter educativo com crianças e adolescentes. Atualmente a instituição atende 252 crianças e adolescentes de 3 a 15 anos.

RELATóRIO SOCIOAMBIENTAL Scania 2013


O Papel da Scania na Sociedade

Hospital de Câncer de Barretos A Scania é uma das apoiadoras do Hospital de Câncer de Barretos. A empresa fez a doação de dois caminhões Highline, modelo R, e tem mais três veículos em concessão que formam as cinco unidades móveis que prestam assistência em 27 estados brasileiros. Essas unidades móveis proporcionam mais de 20 mil atendimentos por ano, em 145 cidades por todo o território nacional. Os caminhões Scania estão agregados em carretas preparadas para realização de exames de prevenção e diagnósticos de vários tipos de câncer e algumas cirurgias. Em média são realizados mais de 25 mil exames por ano, entre mamografias, papanicolau, exames de próstata, entre outros. O Hospital de Câncer de Barretos tem como missão prestar assistência aos pacientes de câncer e apoio psicossocial aos enfermos e seus familiares. Além das carretas, a Scania possui um ônibus em contrato de comodato com a instituição. Com capacidade para 47 passageiros, esse veículo é utilizado no transporte de pacientes para a realização de exames médicos na sede do hospital, bem como para transportar os familiares para os alojamentos. Recentemente, houve a inauguração do Hospital de Câncer Infanto-Juvenil. Trata-se um centro especializado e tematizado, e que possui equipamentos de última geração e equipe multiprofissional altamente qualificada. Na busca da humanização e qualidade de vida, a unidade também oferece classe hospitalar e todo um complexo de entretenimento com atividades sócio recreativas.

RELATóRIO SOCIOAMBIENTAL Scania 2013

75


76

O Papel da Scania na Sociedade

Fundação Xuxa Meneghel

O Semeador

Inspirado em uma instituição no bairro da Pavuna,

A escola “O Semeador” é uma entidade filantrópica

zona norte do Rio de Janeiro, Maria da Graça Xuxa

que tem como objetivo o atendimento educacional

Meneghel criou em 1989 a Fundação Xuxa Meneghel,

e terapêutico aos alunos com necessidades

uma instituição filantrópica para inclusão social de

educacionais especiais acima de seis anos de idade.

crianças e adolescentes e sua famílias. A fundação

Possui programas e modalidades de ensino, como

é mantida pela fundadora e por parcerias que

o Programa de Educação Especial Profissional, para

contribuem para a manutenção da instituição, entre

adolescentes a partir de 14 anos. Para os alunos que não

elas a Scania.

são participantes desse programa, o Semeador oferece o

Esta parceria possibilitou a realização de um Show de Natal em Dezembro de 2011 para 12 mil colaboradores da Scania e seus dependentes, além de crianças carentes do Estado de São Paulo. A Fundação tem como missão contribuir para que crianças, jovens e familiares em situação de

Programa Sócio Educacional e o ensino fundamental do 1º ao 5º ano, a partir de 6 anos de idade. O Semeador ainda dispõe de sala com recursos multifuncionais para alunos que frequentam a escola regular em outro período. Os projetos do Semeador são beneficiados por Doações

vulnerabilidade social tenham a oportunidade de

Incentivadas da Scania, tendo sido aprovado em 2013 o

transformar sua condição de vida.

apoio ao projeto de Comunicação para Autistas.

As crianças que frequentam a fundação podem

Em parceria com a área de Vendas e um cliente,

chegar às universidades, influenciarem seus amigos,

um ônibus Scania foi doado para ser utilizado como

tornarem-se voluntários ou profissionais contratados

transporte entre a escola e empresas onde os alunos

pela própria fundação e ajudar seus familiares.

participam de atividades.

RELATóRIO SOCIOAMBIENTAL Scania 2013


77

RELAT贸RIO SOCIOAMBIENTAL Scania 2013


78

PRESIDENTE

Fabricio Rene Babler

Per-Olov Svedlund

Fernanda O. Saraiva

VICE-PRESIDENTES

Francisco Machado Neto

Fredrik Wrange

Livia Monteiro

Camilla Dewoon

Luiz Nadir Babler

DIRETORIA

Marcelo Gallão

Bo Lars Henrik Alfredsson

Marcio de Almeida Silva

Celso Enosuke Torii

Marcos A. G. De Faria

Hans Jerry Johansson

Marisa P. De Natale

Johnny Niklas Klingenberg

Milton Ribeiro Junior

Lena Chatarina Bergqvist

Orlando Celso Mion

Marcelo Galliotto

Renata Perucci

Natalino Antonio de Lima

Roberta Serra Negra

Paulo Cezar Cambréa

Roberto Marcoccia

Pedro Ernesto

Sandra Regina Marques

Per Christian Nilsson

Suzana C. M. Martin

Rogério Barreto de Rezende

Vera Lucia Tavares

Sidney Claudinei Basso

GRUPO DE REVISÃO

Silvio Luiz Lei Munhoz

Almir Rodnei Stefanelli

GRUPO DE TRABALHO

Augusto Luiz Tambelli Fagioli

Aline Rovath Campos

Helder Odilon Lotto

Alvaro José Fonseca

Luiz Fernando Loureiro Nacif

Alzira D. Silva

Manoel Francisco de Araujo Filho

Ana Ligia Batistela

RESPONSABILIDADE E COORDENAÇÃO

Ariane Dugo Martins

Recursos Humanos e Serviços

Caio Ribeiro Navas

Marca & Comunicação de Marketing

Carlos Augusto Silva

Comunicação

Cristiano Soares dos Santos

PROJETO GRÁFICO

Elias Lourenço dos Santos

Presença Propaganda

Érico Aparecido Cazula

Fotos: Wagner Menezes

RELATóRIO SOCIOAMBIENTAL Scania 2013


Relatório Socioambiental 2013