Issuu on Google+

Ano 19 - Nº 3105 Arquivo/OP

MARECHAL CÂNDIDO RONDON - PR, SEXTA-FEIRA, 03 DE JUNHO DE 2011

EMBARGO RUSSO À CARNE BRASILEIRA O governo russo anunciou ontem (02) que vai barrar, a partir do próximo dia 15, a compra de produtos de 85 unidades de processamento de carnes do Brasil, medida que surpreendeu representantes do setor e agravou a disputa comercial de carnes entre os países. O anúncio da Rússia atinge importantes frigoríficos brasileiros, como da BRF Brasil Foods, JBS, Marfrig, Aurora, Sadia e Doux Frangosul. Indústrias localizadas no Oeste do Paraná também foram incluídas na lista, como a Unidade de Aves da Copagril (Marechal Rondon), C.Vale (Palotina), Lar (Medianeira), Frimesa (Medianeira) e Globoaves (Cascavel). Para muitos dirigentes do setor, a restrição é considerada preocupante. No entanto, o diretor-presidente da Cooperativa Agroindustrial Lar, Irineo da Costa Rodrigues (foto), diz que o que está havendo é algo considerado normal no mercado externo. “Infelizmente o mercado externo não é transparente e vivemos de sobressaltos, como está agora o mercado entre Brasil e Argentina. Por algumas pendengas um limita, outro barra, outro tarifa”, aponta. PÁGINA 19 Carina Ribeiro/OP

R$ 2,00

João Arruda: “Tudo indica que reforma política será feita em partes” PÁGINA 07

COLHEITA

Produtividade de mandioca supera expectativas na região Os resultados da colheita de mandioca na região de Marechal Rondon estão superando as expectativas de produtores. A produtividade média está acima da alcançada pelas lavouras no ano passado. A mandioca que está há nove meses plantada, está rendendo em média 55 toneladas por alqueire. No ano passado, a de um ciclo tinha uma produtividade média de 45 toneladas. Já a de dois ciclos vem alcançando em torno de 100 toneladas por alqueire. Em Marechal Rondon, a cultura passou de 2,1 mil hectares para três mil a partir de 2010. Na região Oeste, a estimativa é de que a área cultivada passou de 17 mil para 22 mil hectares. PÁGINA 14

NOVIDADES NO LAGO

Carina Ribeiro/OP

O Parque de Lazer Rodolfo Rieger, conhecido popularmente como lago municipal de Marechal Rondon, acaba de ganhar um morador. Trata-se de uma capivara que foi avistada nesta semana por populares. O animal foi observado brevemente e costuma aparecer no início da noite na mata, nas proximidades da área de passeio público. Por outro lado, o parque está recenbendo algumas melhorias (foto). Também teve início o conserto do mirante, o qual está interditado há cerca de um mês. Atualmente, ainda, estudase a criação de um novo bosque no lago. PÁGINA 24


EDITORIAL

02 | O PRESENTE

Cigarro e celular no mesmo balaio Adorado por muitos, odiado por outros. O cigarcigarro faz mal e causa uma série de coisas negatiro é assim. Droga lícita que, ano após anos, é tema vas à saúde, eles não largam do vício. Alegam que, de discussões mundo afora, envolvendo fatores como apesar de tentar, não conseguem. Outros preferem saúde, limitações em relação a espaços públicos e correr todos os riscos, pelo simples prazer de fumar. privados, preços, pirataria entre muitos outros. Para os não fumantes, conviver em uma socieNa última terça-feira (31), Dia Mundial sem dade com fumantes, foi sempre um impasse. Mas, Tabaco, a Organização Mundial de Saúde (OMS) no decorrer dos últimos anos, muitas conquistas listou avanços no enfrentamento ao cigarro e foram alcançadas. Caso da lei que proíbe fumar em divulgou números que surpreendem. Neste ano, a todos os locais fechados de uso coletivo, além da estimativa é de que o cigarro deve matar quase seis extinção dos chamados fumódromos, em vigor desmilhões de pessoas em todo o mundo - dessas, 600 de novembro de 2009 no Paraná. mil são fumantes passivos. O número é alarmanNo começo, os fumantes criticaram a lei de todas te, considerando que repreas formas, enquanto os não fusenta uma morte a cada seis mantes aplaudiram. Passado Neste ano, a estimativa é de segundos. Até 2030, a previcerca de um ano e meio depois, que o cigarro deve matar quase são é de que oito milhões de mesmo a fiscalização não sendo seis milhões de pessoas em todo pessoas podem morrer em cona desejada, a resistência à lei o mundo - dessas, 600 mil são fumantes passivos. O número é sequência do fumo. acabou sendo amenizada. E, alarmante, considerando que Em relação a dados envoladmitindo ou não, hoje temos representa uma morte a cada vendo o Brasil, um estudo feiambientes muito mais harmôniseis segundos. Até 2030, a to pelo Ministério da Saúde cos do que antes. previsão é de que oito milhões mostra que entre 2006 e 2010 a Outro anúncio feito pela OMS de pessoas podem morrer em proporção de brasileiros funesta semana também surpreenconsequência do fumo deu. Trata-se dos riscos cancerímantes caiu de 16,2% para 15,1%. Entre os homens, a genos do celular, até agora negados pela indústria de telecomunicação e apenas queda foi maior - o hábito de fumar passou de 20,2% para 17,9%. Entre as mulheres, o índice uma hipótese levantada pela comunidade científica. Ou seja, à parte as vozes isoladas que vinham permaneceu estável em 12,7%. Pessoas com menor escolaridade - até oito anos de estudo - fumam alertando para os perigos do celular, agora é oficial. Com isso, a partir de agora, o celular, visto mais (18,6%) que as pessoas mais escolarizadas 12 anos ou mais (10,2%). como a grande mídia do futuro, passa a ser olhado com mais cautela, como uma das grandes ameaças E tem mais, o tabaco é classificado como um dos fatores que mais contribuem para a epidemia de à saúde no futuro. Com certeza, também haverá doenças não contagiosas, como ataques cardíacos, mais financiamento para o aprofundamento de derrames, câncer e enfisema. O grupo é responsável estudos sobre o efeito do celular. E possível ainda por 63% de todas as mortes no mundo. Dados que a indústria passe a oferecer precauções, caso indicam que metade dos fumantes deve morrer em não queira, como os fabricantes de cigarro, virar razão de uma doença relacionada a esse hábito. alvo de processos. Mas, para muitos fumantes, os números e fatos Até aqui, cigarro e celular, tudo no mesmo são ignorados. Ou seja, mesmo sabendo que o balaio. O balaio dos malefícios à saúde. REFLEXÃO DO DIA

O homem é dono do que cala e escravo do que fala Sigmund Freud

Colaboração: Prof. Heinz Schurt (www.heinz.adm.br)

EXPEDIENTE Um jornal de bom senso Diretores Arno Kunzler Jornalista Reg. Prof. nº 274/02/38 E-mail - arno@opresente.com.br Paulo Rodrigo Coppetti paulorodrigo@opresente.com.br Editora-chefe Ana Paula Wilmsen DRT/PR nº 8352 jornalismo@opresente.com.br Editora O Presente Ltda Rua Sete de Setembro, 1233 - Centro Marechal Cândido Rondon - PR - CEP: 85960-000 Fone/fax (45) 3254-1842 CNPJ – 84.812.049/0001-39

Filiado à ADI Associação dos Jornais Diários do Interior do Paraná Comercialização: Paraná/São Paulo/Rio de Janeiro Merconeti - Ricardo Takiguti (41) 3079-4666 ricardo@merconeti.com.br Comercialização: Brasília Central de Comunicação - (61) 3323-4701 Internet – www.opresente.com.br

SEXTA-FEIRA, 03 DE JUNHO DE 2011

Tarcísio Vanderlinde TEMPOS SOMBRIOS Eu vivo em tempos sombrios. Uma linguagem sem malícia é sinal de estupidez, uma testa sem rugas é sinal de indiferença. Aquele que ainda ri é porque ainda não recebeu a terrível notícia. Que tempos são esses, quando falar sobre flores é quase um crime. Pois significa silenciar sobre tanta injustiça? Aquele que cruza tranquilamente a rua já está então inacessível aos amigos que se encontram necessitados? É verdade: eu ainda ganho o bastante para viver. Mas acreditem: é por acaso. Nada do que eu faço dá-me o direito de comer quando eu tenho fome. Por acaso estou sendo poupado. (Se a minha sorte me deixa estou perdido!) Dizem-me: come e bebe! Fica feliz por teres o que tens! Mas como é que posso comer e beber, se a comida que eu como eu tiro de quem tem fome? Se o copo de água que eu bebo faz falta a quem tem sede? Mas, apesar disso, eu continuo comendo e bebendo. (Bertolt Brecht) O depoimento de um parente durante os funerais de Zé Cláudio e esposa revelam o quanto se tornou perigoso nestes tempos defender um estilo de vida simples, em que o ser humano poderia viver numa relação menos conflituosa com a natureza: “eu não acredito que isto esteja acontecendo”. Em entrevista veiculada pela TV Record no último domingo (29), Zé Cláudio revelou o quanto valia sua vida: R$ 5 mil. Definitivamente coisas de um tempo sombrio. Numa reunião de emergência na última segundafeira (30), no Palácio do Planalto, o governo discutiu a decretação de uma blitz federal na tríplice fronteira entre Amazonas, Acre e Rondônia. Os governadores também foram convocados a dar explicações. A reunião teve como objetivo definir a reação aos quatro assassinatos de agricultores registrados em menos de uma semana. O objetivo é evitar novas mortes no campo, em regiões de conflito agrário e pressão por desmatamento. O quadro ocorre numa infeliz coincidência com o momento da aprovação em primeira instância do novo Código Florestal. A propósito, que ninguém se impressione se os que hoje festejam a aprovação do novo código, saudando-o como uma “lei equilibrada”, não estejam amanhã recuando diante de um cenário internacional que exija maior responsabilidade com as questões ambientais. Vive-se numa época em que os cenários sociais e econômicos mudam rapidamente. Poucos imaginariam que a sugestão de invasão das praças de pedágio, como forma de pressão para a duplicação da BR-277, pudesse ser aplaudida por autoridades do Oeste do Paraná. Até ontem, isso era coisa de movimentos sociais identificados como “baderneiros”. A jornalista Elaine Tavares (UFSC), ao avaliar a aprovação do novo Código Florestal, faz um apelo pelo bom-senso, ao relembrar as palavras do cacique Seatlle, da etnia Suquamish, que já havia compreendido, em 1855, o quanto o avanço capitalista inconsequente sobre a natureza só era possível de se efetivar na base do silenciamento: “Sabemos que o homem branco não compreende o nosso modo de viver. Para ele, um torrão de terra é igual ao outro. Porque ele é um estranho, que vem de noite e rouba da terra tudo quanto necessita. A terra não é sua irmã, nem sua amiga, e depois de exauri-la, ele vai embora. Deixa para trás o túmulo de seu pai sem remorsos. Rouba a terra de seus filhos, nada respeita. Esquece os antepassados e os direitos dos filhos. Sua ganância empobrece a terra e deixa atrás de si os desertos. Suas cidades são um tormento para os olhos do homem vermelho, mas talvez seja assim por ser o homem vermelho um selvagem que nada compreende”. * O autor é professor da em programas de mestrado Marechal Cândido Rondon e

Unioeste. Atua nos campi de Foz do Iguaçu

tarcisiovanderlinde@gmail.com


SEXTA-FEIRA, 03 DE JUNHO DE 2011

O PRESENTE |

Planejamento para 2012 O prefeito de Guaíra, Manoel Kuba, será naturalmente o pré-candidato do PP para as eleições municipais de outubro de 2012. O presidente do partido, vereador João Carlos Hartekoff, já tem mantido conversa com o mandatário neste sentido. “No início do segundo semestre deste ano vamos reunir o partido para começar a discutir as futuras eleições com mais intensidade”, declara. Na avaliação do líder partidário, a reforma política será um item muito importante para dar início às definições para o pleito. De acordo com João Carlos, se houver o fim das coligações, a medida pode ocasionar um aumento no número de candidatos a vereador. Porém, acrescenta, atualmente ocorre de serem lançados nomes que nem sempre conseguem somar grande quantidade de votos, o que pode mudar com a reforma, pois as escolhas podem passar a ser mais seletivas. “Não sei se a reforma política vai ser aprovada já para as eleições do ano que vem, pois é um assunto que tem sido deixado de lado em função do Código Florestal”, opina. Conforme o dirigente político, o objetivo do PP é trabalhar para conseguir três vagas na Câmara de Vereadores. Atualmente, o partido conta com duas cadeiras - a do próprio João Carlos e a de Josefino Xavier de Lima (Ferroquina), que está licenciado por ocupar a Secretaria de Agricultura, dando lugar na Casa de Leis a Rossano França Triches.

Arquivo/OP

Reforma política A votação do Código Florestal tomou conta do Congresso Nacional, nas últimas semanas. Com isso, a discussão envolvendo a reforma política, que já poderia entrar em vigor para as eleições municipais de 2012, se tornou uma incógnita. A definição quanto às mudanças é considerada por dirigentes partidários como imprescindível para que as agremiações possam iniciar o planejamento para as eleições de 2012. O quadro poderá mudar muito se houver alterações, especialmente a respeito das coligações na chapa proporcional, se serão permitidas ou não. Caso sejam mantidas, nada muda para o próximo pleito. Contudo, se houver a extinção da coligação, a tendência pode estar no fortalecimento de partidos específicos dos grupos de situação e de oposição para que seja possível eleger um bom número de vereadores. É nesta união que estão apostando algumas lideranças políticas de Marechal Cândido Rondon para driblar a falta da coligação.

Custo de R$ 8,6 milhões ao ano Presidente do PP, vereador João Carlos Hartekoff: o prefeito Kuba é naturalmente o pré-candidato a prefeito do partido

Linhas aéreas Está agendada para terça-feira (28), na sede da Associação Comercial, Industrial e Agropecuária de Marechal Cândido Rondon (Acimacar), reunião envolvendo diretores da entidade, a Associação Comercial de Toledo (Acit) e demais associações da microrregião e empresas. O tema do encontro é para discutir sobre linhas aéreas entre Toledo e Curitiba. O município toledano conta com um aeroporto bem estruturado e que deve receber novos investimentos por parte do Governo do Estado. Com isso, as lideranças de Toledo estão trabalhando para conseguir viabilizar uma linha aérea regular, especialmente com destino a Curitiba.

03

A chamada “reforma administrativa” do governo Beto Richa - a readequadação da estrutura de quatro secretarias e da Procuradoria-Geral do Estado (PGE) não vai sair barato para os cofres estaduais. De acordo com o anteprojeto enviado à Assembleia Legislativa, a alteração administrativa de três secretarias e da PGE deve resultar na criação de mais 295 cargos comissionados, de livre nomeação (sem concurso público). O custo com vencimentos deve ser R$ 664 mil por mês - um total de R$ 8,6 milhões por ano, considerando o 13º salário. As vagas em comissão que devem ser criadas aumentarão em 8,1% o número dos cargos comissionados na administração direta. Atualmente, o Governo do Paraná tem 3.611 comissionados.


04 | O PRESENTE

SEXTA-FEIRA, 03 DE JUNHO DE 2011

HARTO VITECK

Poesia anotada

harto.viteck@gmail.com

Amenizando o estresse “A natureza é um grande livro que Deus desdobrou aos olhos do homem, para que o lesse, interpretasse e compreendesse. No estágio atual da sua evolução, o homem, em geral, considera a natureza simplesmente objeto de exploração e proveito individual”.

Campeão de Barba e Bigode 2011

Huberto Rohden 1893-1981, filósofo e educador catarinense de renome internacional. Depois de 25 anos como padre jesuíta, grande parte deles dedicados à literatura cristã, deixou o sacerdócio por pressão de reacionários, que consideravam seus escritos perniciosos à fé católica. (Instituto Ahau) Elmar Weisser, da Alemanha

CARNE BOVINA E CÂNCER INTESTINAL ... O cientista Harald zur Hausen foi premiado com o Nobel de Medicina em 2008 por sua descoberta de que o vírus do papiloma humano (HPV, do inglês human papilomavirus) causa câncer cervical, a segunda forma mais frequente de câncer em mulheres. ... A descoberta possibilitou o desenvolvimento de uma vacina contra o câncer de colo de útero. Agora, ele suspeita também que outros tipos de câncer possam ser provocados por vírus. O cientista está pesquisando a causa do câncer de cólon. Ele adverte que o consumo de carne vermelha é um dos fatores que favorecem o surgimento da doença. ... Em entrevista à Deutsche Welle, rádio estatal alemã, zur Hausen afirma ainda ser improvável que se encontre uma cura para o câncer nos próximos 20 ou 30 anos, porém ele acredita que os pacientes irão viver mais e melhor. Dada a relevância das respostas de zur Hausen na entrevista, estamos reproduzindo aquelas que têm importância para o nosso dia-a-dia. Deutsche Welle: Na sua opinião, que tipos de câncer poderiam ser causados por vírus? Harald zur Hausen: Suspeito que o

câncer intestinal e o câncer nos órgãos responsáveis pela produção do sangue possam ser desencadeados por infecções. Ao comparar dados, descobri que a incidência do câncer de cólon varia muito de país para país. Por isso, não podem ser responsabilizados apenas - como se acreditava até agora - os agentes carcinógenos originados no processo de cozimento do alimento. Por que não? Essas substâncias químicas que podem causar câncer se originam do ato de cozer ou assar. Elas são produzidas independentemente do tipo de carne usada. Não dispomos de provas da relação entre o consumo a longo prazo de peixe ou aves e o surgimento de câncer. Já para outro tipo de carne, há fortes evidências: está se observando que a propagação do câncer está ligada ao consumo de carne bovina.

Cotidianas... Quem envenena a natureza, envenena a mesa. Melhor um bosque que dá vida do que uma lavoura que traz morte. Falta de ar. É a ação de inseticida no corpo do agricultor.

Das Vias Curitibanas

Contra uma tolice em moda,

Sergio Marone

“A Terra não pertence a nós, nós é que pertencemos a ela”.

até as melhores inteligências ficam sem ação.

Sérgio Marone (1981 - ... - ator paulistano)

................................................

A gente tem que ter consciência de que tudo está interligado, devemos pensar em voltar à nossa essência, às nossas raízes, e dar uma desacelerada em todos os sentidos, principalmente consumo. A seiva que corre nas árvores é a mesma que corre no nosso sangue. Tudo é uma grande família, como se a gente fosse filho do planeta Terra. Tem até um poema de um índio que diz tudo isso, eu não vou lembrar de tudo, mas ele fala basicamente isso: que o homem não tece a teia da vida e que tudo que acontece a ela (a Terra) vai acontecer ao homem. Nós somos filhos da Terra... Precisamente saber respeitar a água, o ar que a gente respira. É preciso respeitar tudo... É preciso ter esse tipo de consciência, porque não é o planeta que a gente tem que salvar, é o ser humano. O homem é muito egocêntrico. Ele pensa que tem o poder de salvar o planeta Terra. Não! Nós não somos super-heróis. --------------------------------------------------------------------------------------------------em “Vívere”, Fev/Mar 2010

Adalgisa Nery

...................................................

1905 - 1980 - poetisa carioca

Que fator o senhor acredita que seja? Para um infectologista não é difícil supor que eventualmente seja um vírus insensível ao calor. Por exemplo, no preparo de um bife malpassado ou “no ponto” é atingida geralmente uma temperatura interna de só 30ºC a 50ºC - e isso, de longe, não é suficiente para desativar um vírus. No momento, estou me dedicando a respostas para essa pergunta, em uma pesquisa intensiva com a minha esposa.

..........................................................................................................

- de Sérgio Marone*

Dá-me tua mão E eu te levarei aos campos musicados pela canção das colheitas Cheguemos antes que os pássaros nos disputem os frutos, Antes que os insetos se alimentem das folhas entreabertas. Dá-me tua mão E eu te levarei a gozar a alegria do solo agradecido, Te darei por leito a terra amiga E repousarei tua cabeça envelhecida Na relva silenciosa dos campos. Nada te perguntarei, Apenas ouvirás o cantar das águas adolescentes E as palavras do meu olhar sobre tua face muito amada.

câncer de intestino. Isso não pode ser causado apenas pelas substâncias carcinógenas, já que elas também se originam no preparo de peixe e aves. Por isso, podemos concluir que na carne bovina haja algum fator específico que ajude a causar câncer.

Como o senhor chegou a essa conclusão? Nos países árabes, onde se consome preferencialmente a carne de ovelha e de cabrito, a incidência de câncer de cólon é baixa. Na Índia, onde não se come carne bovina, não há quase nenhum câncer de cólon. E no Japão e na Coreia, onde a carne se transformou em prato popular apenas no século passado, está havendo um rápido crescimento no percentual de

A gente tem que ter consciência...

REPOUSO

Cabeça de Coruja Cada qual sabe amar a seu modo; o medo, pouco importa; o essencial é que saiba amar... Machado de Assis 1839 - 1908 - escritor carioca

ZUM

O senhor acredita que algum dia seja encontrada a cura para o câncer? Tenho certeza de que ao menos poderemos curar casos de câncer num âmbito maior do que hoje. Já demos grandes passos na prevenção e no tratamento da doença. Em casos de câncer de mama ou de leucemia, as chances de cura são relativamente boas. Mas temos que admitir que alguns tipos de câncer, como o de pulmão e de pâncreas, ou tumores cerebrais específicos, significam para os pacientes praticamente uma sentença de morte. Contra esses tipos de câncer infelizmente não podemos fazer muita coisa. Acho bastante improvável que possamos erradicar o câncer nos próximos 20 ou 30 anos. O que irá acontecer é que pacientes com câncer irão viver por mais tempo.(ta/Judith Hart/R.Wandscheer/oa -hvop)

SCHLUSS

“O livro da natureza é uno e indivisível, tanto sobre a vertente do ambiente como sobre a vertente da vida, da sexualidade, do matrimônio, da família, das relações sociais, numa palavra, do desenvolvimento humano integral. Os deveres que temos para com a pessoa considerada em si mesma e em relação com os outros; não se pode exigir uns e espezinhar outros”. De Bento XVI,

..........................................................................................................

em “Caritas in Veritate nº 51” (cnbb).


POLÍTICA

SEXTA-FEIRA, 03 DE JUNHO DE 2011

O PRESENTE | 05

BRASIL SEM MISÉRIA

Dilma diz que pobreza nunca foi olhada como deveria no Brasil Wilson Dias/ABr

Plano prevê a retirada de 16 milhões de pessoas da extrema pobreza até 2014

A

o lançar ontem (02) o Plano Brasil sem Misé-ria, principal eixo da política social do governo federal, a presidenta Dilma Rousseff disse que a pobreza nunca foi olhada como deveria pelos governantes que a antecederam, à exceção do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, único que citou como preocupado com a questão da miséria no país. Segundo Dilma, Lula enxergou os pobres como “seres capazes de construir sua própria riqueza, sua dignidade”. “Foram precisos mais de quatro séculos para que o combate à pobreza se convertesse de fato em política prioritária de governo. Os nossos pobres já foram acusados de tudo, inclusive de serem responsáveis pela sua própria pobreza”, afirmou Dilma, ressaltando que o expresidente Lula foi um dos inspiradores do plano lançado ontem. “Já disseram que, se nós désse-

A presidenta Dilma Rousseff durante cerimônia de lançamento do Plano Brasil sem Miséria: “Foram precisos mais de quatro séculos para que o combate à pobreza se convertesse de fato em política prioritária de governo”

mos o Bolsa Família, eles (os mais pobres) se conformariam com a pobreza. Já disseram, de forma absurda, que as causas da pobreza eram o clima tropical, o nosso sol, e a miscigenação. Já disseram, e em parte tinham razão, que se a gente fosse olhar a raiz, uma das causas de nossa pobreza era a escravidão. Mas a escravidão passou há muito tempo e a falta de vontade política ultrapassou a escravidão”, disse a presidenta. O Plano Brasil sem Miséria articula e amplia programas já existentes, como o Bolsa Famí-

lia, que passa a atender mais 1,3 milhão de crianças e adolescentes, e inaugura o que o governo vem chamando de “busca ativa”, para identificar famílias que não são ainda atingidas por ações. Em seu discurso, Dilma também afirmou que o grande mérito do plano é trazer para a pauta dos governos o compromisso de combate à miséria. “Devemos fazer todo e qualquer esforço para superá-la, para dizer que a luta contra a miséria é dever do Estado e tarefa de todos os brasileiros e brasileiras deste país”, disse a presidenta.

Custo será de R$ 20 bilhões por ano O orçamento anual do Plano Brasil Sem Miséria será de R$ 20 bilhões. Na primeira fase, os recursos virão do Tesouro Nacional, no entanto, a ministra do Desenvolvimento Social, Tereza Campello, afirmou que Estados e organizações não governamentais também devem investir no programa. O plano prevê a retirada de 16 milhões de pessoas da extrema pobreza até 2014. “Isso é dinheiro do governo federal. Os R$ 20 bilhões incluem tanto o desenho do Programa Bolsa Família quanto sua ampliação”, disse a ministra. Durante a fase de implementação, o programa terá ainda R$ 1,2 bilhão de crédito adicional. O projeto de lei que prevê o recurso suplementar para o Orçamento de 2011 foi enviado pela presidenta da República, Dilma Rousseff, ao Congresso Nacional. “Vai completar um conjunto de ações, como a ampliação do Bolsa Família, a construção de cisternas e a contratação das equipes de assistência técnica”, disse a ministra. O Plano Brasil Sem Miséria tem como objetivo a

elevação da renda familiar per capita das famílias que vivem com até R$ 70 por mês, além da ampliação do acesso aos serviços públicos, às ações de cidadania e às oportunidades geradas por políticas e projetos públicos. Segundo a ministra, o valor de R$ 70 foi fixado considerando a avaliação de extrema pobreza do Bolsa Família e de organismos internacionais. Segundo a ministra, há cerca de 800 mil famílias que teriam direito de receber o Bolsa Família e ainda não recebem. “Estamos fazendo o cruzamento de dados para encontrar essas famílias e atendê-las”. O plano, lançado ontem, será apresentado em todos os Estados. De acordo com Tereza Campello, o monitoramento do programa será feito por metas. “Para algumas dessas ações temos um calendário muito organizado. Já começamos ações envolvendo a busca ativa, mas outras ações ainda vão levar um tempo. Estamos iniciando o processo de construção de pactos e cooperações”, conclui.

Carvalho admite que situação é delicada O ministro da Secretaria-Geral da Presidência, Gilberto Carvalho admitiu que a situação do ministrochefe da Casa Civil, Antonio Palocci, é delicada. No entanto, ele disse que Palocci continua firme no governo. Sem especificar uma data, Carvalho afirmou que em breve o ministro-chefe da Casa Civil dará explicações públicas sobre o aumento de seu patrimônio. “Muito em breve ele vai dar explicações. Está tudo acertado. Ele vai falar”, afirmou. “Eu não posso dizer que é hoje porque não deve ser hoje, mas será muito brevemente. Ele está

escolhendo a forma”, acrescentou, ao ser questionado se Palocci falaria no Congresso. Segundo Carvalho, a presidenta Dilma Rousseff pediu a Palocci para que o ministro-chefe da Casa Civil se manifestasse a respeito das dúvidas que pairam sobre a evolução patrimonial dele. “Ela falou com ele que era importante que ele falasse. Isso foi o que ela falou. Ele está esperando o momento adequado”, disse. Para Carvalho, o evento de lançamento ontem (02) do programa Brasil Sem Miséria só mostra que o governo não parou com a crise pro-

vocada pelas denúncias contra Palocci, e que projetos como esse e outros vão continuar. “A crise, para nós, tem um peso, uma importância. Mas ela é muito relativa. Para nós, o importante é o que está acontecendo. É este ato (de lançamento do programa) que aconteceu agora. Este ato é prova de que a ordem da presidenta é que a gente continue trabalhando. As crises são importantes. A gente enfrenta com maturidade. Muitas vezes com dificuldade. Mas nós não perdemos o nosso norte. Estamos ao lado dele (Palocci)”, concluiu Carvalho.

Explicações de Palocci ajudariam governo a sair de crise, diz Vargas O secretário nacional de Comunicação do PT, André Vargas, disse ontem (02) que o fato de o ministrochefe da Casa Civil, Antonio Palocci, ir a público dar explicações sobre sua evolução patrimonial ajudaria na solução da crise política enfrentada pelo governo. Vargas ressaltou que a direção nacional do PT não tem suspeitas sobre Palocci. “Ele, indo a público, ajuda, não tem nenhum tipo de impedimento. Ajudaria a solucionar esta crise”, afirmou Vargas, durante intervalo da reunião da Executiva Nacional do partido. “Nós, do PT, não temos nenhum tipo de suspeita em relação ao ministro Palocci. Nós, da direção nacional, entendemos que ele está dando as explicações e estamos aguardando também que essas explicações se tornem públicas, na medida em que a Procuradoria-Geral (da República) é um órgão público”, acrescentou o secretário. Vargas reconheceu que as de-

núncias de enriquecimento ilícito do ministro têm afetado diretamente o governo. “Realmente, (a conta) não é pequena não. Não podemos desconsiderar que tomou relevância de grandeza considerável, mas faz parte da luta política do Brasil. Temos no país, sistematicamente, casos de suspeitas que são lançadas, que, ao longo do tempo, se descobre que não tinham veracidade”, argumentou. De acordo com o secretário de Comunicação do PT, o partido está “tranquilo” com a forma com que a presidenta Dilma Rousseff tem lidado com o assunto. “Estamos absolutamente tranquilos, entendendo e confiando que a presidenta Dilma está dando gestão ao governo e que o ministro Palocci está dando as explicações a quem de direito. Vamos esperar os esclarecimentos entregues à Procuradoria-Geral, para, a partir daí, termos a confiança de que o ministro Palocci também virá a público esclarecer”, finaliza. Arquivo/OP

Secretário nacional de Comunicação do PT, André Vargas: “Nós, da direção nacional, entendemos que ele está dando as explicações e estamos aguardando também que essas explicações se tornem públicas, na medida em que a ProcuradoriaGeral (da República) é um órgão público”


POLÍTICA

06 | O PRESENTE

SEXTA-FEIRA, 03 DE JUNHO DE 2011

ELEIÇÕES MUNICIPAIS

PMDB retoma articulação para atrair Fruet visando 2012 Marcio Machado

Adur pode assumir comando do par tido em Curitiba com a missão de preparar caminho para candidatura à prefeitura

O

ex-deputado estadual Renato Adur pode assumir o comando do PMDB de Curitiba com a missão de “preparar o terreno” para o apoio do partido à candidatura do ex-deputado federal Gustavo Fruet à Prefeitura da Capital em 2012. Adur é apontado como nome de consenso para contornar as divergências internas entre as alas do senador Roberto Requião e do ex-governador Orlando Pessuti, e abrir caminho para a reaproximação da legenda com Fruet. Sem respaldo no PSDB, que sinaliza apoio à reeleição do atual prefeito Luciano Ducci, Fruet busca alternativas para viabilizar sua candidatura. O PMDB de Curitiba, comandado atualmente pelo aliado de Requião, Doático Santos, fará convenção no dia 17 de julho para eleger seu novo diretório. Parlamentares peemedebistas defendem que Adur substitua Doático na presidência da legenda, com a tarefa de preparar o partido para as eleições do ano que vem. Ex-secretário de Desenvolvimento Urbano do governo Requião, Adur não esconde o desejo de trazer Fruet de volta para o partido como candidato a prefeito. Ele, inclusive, já encaminhou documento à direção municipal do PMDB curitibano defendendo que o partido convide o tucano a retornar à legenda. Ao mesmo tempo, defendeu também a refiliação de Maurício Requião, irmão do ex-

Renato Adur é apontado como nome de consenso para contornar as divergências internas entre as alas do senador Roberto Requião e do ex-governador Orlando Pessuti, e abrir caminho para a reaproximação da legenda com Fruet

governador Requião, que se desfiliou depois de ser indicado para assumir o cargo de conselheiro do Tribunal de Contas. Segundo Adur, Maurício poderia ser vice de Fruet ou coordenar a campanha do mesmo à prefeitura, recolocando o PMDB na disputa com reais chances de vitória. O ex-deputado lidera as pesquisas de intenção de voto para prefeito na Capital. O nome até agora ventilado pelo PMDB o ex-deputado estadual Rafael Greca - tem baixos índices nas pesquisas e é visto como um candidato sem competitividade para enfrentar a máquina da prefeitura e do Governo do Estado. A articulação vem dando resultado e já teria conseguido vencer a resistência inicial do grupo ex-governador Roberto Requião à reaproximação do PMDB com Fruet. Em 2004, o ex-deputado deixou o partido, filiando-se ao PSDB, depois que Requião vetou sua candidatura a prefeito, para apoiar o então candidato do PT e hoje deputado federal Ângelo Vanhoni. Recentemente, Fruet se encontrou com Maurício Requião. O encontro foi interpretado como mais um sinal de que a reaproximação é possível. Segundo o deputado estadual Nereu Moura (PMDB), o acordo pode aconte-

cer mesmo que Fruet não retorne oficialmente ao partido. “Tudo pode acontecer. Estamos construindo um bom projeto político para disputar a prefeitura. Pode até ser que o Fruet não esteja no PMDB, mas nós podemos estar com ele”, disse.

ESTRATÉGIA

Segundo Moura, o nome de Renato Adur para o comando do PMDB curitibano “agrada a todo mundo”. “Ele tem uma virtude indispensável que é a discrição”, explicou. Na avaliação do parlamentar, o retorno de Fruet ao PMDB seria o cenário ideal. Mas se isso não for possível, nada impede uma composição futura. Caso se confirme o desinteresse do PSDB de lançá-lo como candidato a prefeito, Fruet pode migrar para outra legenda, como o PDT do ex-senador Osmar Dias. E na sequência, atrair o PMDB para uma aliança para a disputa de 2012, garantindo apoio político e tempo na propaganda eleitoral de rádio e televisão. “Para o PMDB, a melhor coisa seria a filiação do Gustavo. Mas para o contexto político, um outro partido talvez seja mais estratégico, onde ele possa reunir todas as forças possíveis para lhe dar lastro para a campanha”, avalia o deputado.

29 pessoas concorrem a cargo de conselheiro no TCE-PR Vinte e nove pessoas já se inscreveram para disputar a vaga de conselheiro do Tribunal de Contas do Estado do Paraná (TCE-PR). O prazo para inscrições será encerrado na segunda-feira (06). Do total, 13 candidatos já foram sabatinados na Assembleia

Legislativa do Paraná (Alep). A relação dos novos candidatos aumentou para 15 e ainda há um inscrito que não foi entrevistado porque está fora do país.Apenas ontem (02) a Alep recebeu mais seis inscrições de interessados na vaga. As inscrições podem ser feitas na

Coordenação de Protocolo da Assembleia, no 4º andar do prédio da administração da Casa. Já a oitiva dos novos concorrentes começará a ser agendada a partir do dia 14 de junho, depois de encerrado o prazo para pedidos de impugnação de candidaturas.

PANORAMA POLÍTICO

PEDRO WASHINGTON prpress@terra.com.br

Otimismo invejável Um leitor corrige a coluna. Na sua visão e, segundo o Aurélio, “política é a direção de um Estado e determinação de formas de sua organização”, entre outras definições. Não como disse a coluna ontem (1º), “a arte de dialogar, tergiversar, iludir e manipular”. Com todo respeito à visão otimista dele, e correndo o risco de lhe causar mais uma frustração dentre as muitas que acometem aos que sonham com um país “politicamente correto”, o que a coluna expressou é a realidade de hoje sobre o que se pratica por aqui. Em primeiro lugar por não termos partidos políticos. Ou pelo menos políticos comprometidos com os ideários das agremiações em que ingressaram; se é que algum deles, ao adentrá-la, leu a doutrina a ser defendida. Segundo, é seguir a cartilha. Quando os interesses individuais prevalecem, o que se vê é uma barafunda. Um dos grandes problemas a que se presta a situação brasileira com “partidos de passagem”, para não compará-los ao guardanapo e assemelhado que se usa e se joga fora, é a impossibilidade do eleitor saber que o candidato em que está votando, por defender determinada posição, terá a mesma postura em alguns meses. Daí o eleitor vender o voto que sabe de valia apenas na eleição. Dali para a frente, só Deus e as “oportunidades” que surgirem a seus eleitos é que determinarão o futuro. Não o seu voto! Não por acaso o colunista fez as observações acima. Até porque, com mais idade que o jovem leitor que o contestou e longa vivência na área, sabe que o que prevalece hoje no Brasil é a política rasteira. Que bom seria voltar ao otimismo do leitor que talvez veja um dia, a política ter a definição que ele deu!

Retiro... O companheiro Fábio Campana, com o nível de informação que possui, garante que a senadora Gleisi Hoffmann, no almoço que ela e o marido Paulo Bernardo ofereceram a Lula e “companheiros”, teria indagado se “era estratégico mobilizar o governo e sua base em defesa de um projeto pessoal”.

... em parte Informação partida do Fábio, a coluna retira o “especulações”, título de uma nota publicada ontem (1º). Continua, porém valendo a avaliação de que, sendo seu prestigiado marido, Paulo Bernardo, um forte candidato ao cargo de chefe da Casa Civil da presidenta Dilma, caso alguma provável ruptura aconteça com Palocci, a pergunta foi inapropriada.

Escorregão O que, por sinal, já era esperado. A jovem e competente senadora, que repete na Casa o sucesso que outra mulher também loura e bonita, Rita Camata, já usufruíra, com o entusiasmo que caracterizou suas primeiras e inteligentes intervenções, um dia iria escorregar. “Casca de banana” é o que mais tem nos assoalhos do Senado!

Na luta Rafael Greca começa a marcar presença na imprensa curitibana, na antevéspera de sua candidatura à Prefeitura de Curitiba. Vai tentar um segundo mandato, que, na concepção do exgovernador Jaime Canet Jr., “nunca deu certo”. Lula até agora foi a exceção, escudado num fantástico volume de verbas publicitárias que nos oito anos chegou aos “R$ 8 bilhões”.

Corajosa mas contestada Com um longo mandato à frente do Departamento Nacional de Infra-Estrutura em Transportes (Dnit), o até então discreto sãomiguelense Luiz Antônio Pagot, “cutucou a onça com vara curta”. Sua fala agressiva contra as concessionárias de pedágio mobilizou a poderosa estrutura de comunicação vinculada à ABCR contra ele. Estão pedindo sua cabeça pela ousadia de discutir a redução no preço dos pedágios, trazendo-os aos níveis dos praticados nos trechos concedidos pelo governo federal.

Em choque O que ocorreu no governo de Alvaro Dias começa a acontecer no de Beto Richa. Secretários de Estado já demonstram “ciumeira”, cada qual querendo mostrar mais serviço. Enquanto a disputa for por “produtividade”, o governo de Beto só terá a ganhar. Como Beto tem direito a se reeleger, a disputa pode estar focada numa ascensão política sua ao quadro nacional.


SEXTA-FEIRA, 03 DE JUNHO DE 2011

POLÍTICA

O PRESENTE | 07

JOÃO ARRUDA

“Tudo indica que reforma política será feita em partes”

Beto Oliveira

Para parlamentar, pontos que já são consenso entre os deputados devem ser aprovados para já vigorar nas eleições de 2012, como é o caso do fim das coligações

O

em dois turnos”, aponta. Conforme o peemedebista, o argumento de alguns políticos no Congresso para esta alteração é que o processo de escolha de candidatos se daria de forma mais democrática e melhor para a população. Além disso, acrescenta, a base da discussão está no número de candidaturas. “Do ponto de vista de alguns deputados, o eleitor se confunde quando tem muitos candidatos em uma única eleição e, com isso, ele (eleitor) pode fazer a escolha errada. Com dois turnos, o eleitor pode comparar os dois candidatos que tiveram os melhores resultados. Mas eu discordo desta posição”, declara.

deputado federal e secretário-geral do PMDB do Paraná, João Arruda, tem percorrido municípios do interior do Estado para falar, dentre outros assuntos, sobre a proposta da reforma política. O que se vê no meio é LISTA MISTA que as lideranças partidárias esOutro ponto que está em detão com muitas dúvidas se de bate envolvendo a reforma polífato as mudanças serão aprovatica é a escolha dos nomes que das em tempo hábil para entrar vão concorrer às eleições e os em vigor já nas eleições municivencedores do pleito por meio de pais de outubro de 2012. O prolistas, explica blema é que a Arruda. “Duranvotação do Cóte muito tempo, digo Florestal, a "Já começa errado o PT foi a favor crise envolvenessa discussão sobre da lista fechada, do o ministroreforma política, pois enquanto que o chefe da Casa só discutimos a nossa PMDB foi o priCivil, Antonio eleição, que é a meiro partido a Palocci, e as proporcional, mas propor a lista medidas provitemos que discutir aberta para cansórias encamitambém a eleição à didaturas de venhadas pelo gomajoritária" readores e deverno federal ao putados estaduCongresso Naais e federais. cional estão susAgora se fala muito do voto pendendo o debate mais incisivo misto, que é a mistura da lista tanto da reforma política como fechada com a aberta”, afirma, da tributária. emendando: “O número de vaO parlamentar falou ontem (02) à reportagem do Jornal O gas se divide: se temos 30 vaPresente. De acordo com Arru- gas para deputado federal e 54 da, atualmente o que se fala muito para deputado estadual, metade em Brasília é a promoção da re- seria escolhido pela lista fechaforma política em partes para que da de cada partido e a outra algumas alterações já comecem a metade pela população. Essa valer para o ano que vem. “Isso somatória de votos entre os pode acontecer com aquilo que já candidatos votados e a lista é consenso na Câmara, como é o fechada faria com que houvescaso do fim das coligações. Eu se uma definição em torno do acredito que isso é possível e é número de vagas. Cada partido provável (de começar a valer para assumiria de acordo com o número de cadeiras que tem pela as eleições de 2012)”, declara. O deputado federal revela ain- soma de votos, tanto fechado da que outra proposta que está como aberto”, detalha. De acordo com o parlamensendo muito discutida na Câmara é a possibilidade de realizar elei- tar, o que tem sido muito criticação em dois turnos em todos os da na lista fechada é o modelo municípios do Brasil, indepen- para definição dos candidatos dos dente do número populacional. “A meu ver é uma coisa absurda, porque o custo para isso se torna muito alto para o Tribunal Superior Eleitoral (TSE). O Paraná tem municípios muito pequenos e não tem cabimento fazer eleição

partidos que vão concorrer às eleições. “Hoje se fala muito em deixar os partidos livres para escolherem como querem os nomes para compor a lista, como a escolha direta, ou deixar isso a cargo da cúpula partidária ou do diretório nacional. Sou contra, pois acredito que deve haver um modelo claro e democrático para ser o único jeito de acabar com o caciquismo na escolha dos candidatos”, salienta. Por outro lado, o deputado federal lembra um fato interessante: na reforma política não tem entrado ainda o debate envolvendo mudanças na majoritária. “Já começa errado essa discussão sobre reforma política, pois só discutimos a nossa eleição, que é a proporcional, mas temos que discutir também a eleição à majoritária, sobre a qual existe pouco debate”, aponta.

PMDB/PR No âmbito envolvendo o PMDB no Paraná, João Arruda comenta que o partido vai realizar as convenções municipais no dia 17 de julho, nas cidades em que a executiva estadual decidir. As localidades serão escolhidas na segunda-feira (06), durante reunião envolvendo inclusive os deputados estaduais e federais. “As convenções servirão para movimentar o partido, renovar os quadros nos municípios, montar núcleos da Juventude e do PMDB Mulher. Em algumas localidades é preciso haver esta discussão e debate, enquanto que em outras não”, ressalta, segundo o qual, essa medida deve abranger mais de 100 municípios paranaenses.

ELEIÇÕES Atualmente, o PMDB conta com mais de 150 prefeitos no Estado. Para as eleições de 2012, o secretário-geral do partido lança um desafio: “Por mais que o PMDB tenha perdido a eleição no Paraná (em 2010), a partir da eleição do ano que vem será o partido com o maior número de prefeitos, vice-prefeitos e vereadores no Estado. Não tenho dúvida em relação a isso e desafio os outros partidos”, destaca.

Deputado federal do PMDB, João Arruda: “O que é consenso na Câmara é o fim das coligações e é possível que seja aprovada essa mudança já para as eleições do ano que vem”


POLÍTICA

08 | O PRESENTE

SEXTA-FEIRA, 03 DE JUNHO DE 2011

EXTENSÃO DA FERROESTE

Dilceu Sperafico defende interesses da agroindústria

“Nossa preocupação leva em consideração os interesses de empresas como a Sadia, de Toledo, C. Vale, de Palotina, e Copagril, de Marechal Rondon”, justifica

O

deputado federal Dilceu Sperafico diz que está empenhado na busca de maiores benefícios para o setor agroindustrial e população de Toledo e região, com a extensão da Ferroeste até o Mato Grosso do Sul. Na quarta-feira (1º), o parlamentar manteve audiência com o presidente do Conselho de Administração da Valec, Miguel Mário Bianco Masella, para tratar do traçado, estações e terminais de carga da nova extensão da ferrovia, no

trecho entre Cascavel e Guaíra. Sperafico também entregou correspondência da Associação Comercial Empresarial de Toledo (Acit), solicitando e justificando a implantação de terminal de carga no município, para o embarque da produção agroindustrial e recebimento de insumos agropecuários. A empresa é estatal federal, tem sede em Brasília e é responsável pelo Estudo de Viabilidade Técnica, Econômica e Ambiental da obra, que ligará o Oeste do Paraná a Maracaju, no Mato Grosso do Sul. “Nossa preocupação leva em consideração os interesses de empresas como a Sadia, de Toledo, C. Vale, de Palotina, e Copagril, de Marechal Cândido Rondon, que industrializam a produção agropecuária da região e exportam para o mundo inteiro. Para que tenham competitividade, precisam reduzir custos com transporte até o Porto de Paranaguá, para o que a Ferroeste será decisiva”, afirma Sperafico. Divulgação

Deputado Dilceu Sperafico manteve audiência com o presidente do Conselho de Administração da Valec, Miguel Mário Bianco Masella, para tratar do traçado, estações e terminais de carga da nova extensão da ferrovia, no trecho entre Cascavel e Guaíra

Lula vem a Curitiba e Dilma a Francisco Beltrão O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) estará em Curitiba na próxima quinta-feira (09) para participar da Marcha da Economia Solidária. A concentração será na Praça Tiradentes, a partir das 15 horas. Às 16h30 começa a caminhada até o Palácio das Araucárias, no Centro Cívico, onde os coordenadores do Movimento Nacional dos Catadores entregarão uma pauta de reivindicação ao governo. A princípio,

Lula fica na Capital do Paraná apenas no dia 09. Já a presidenta Dilma Rousseff estará no Estado, em visita ao município de Francisco Beltrão, no Sudoeste, para o lançamento do programa nacional de apoio à agricultura familiar. “Vou acompanhá-la durante toda a passagem pelo Estado e apresentar as potencialidades agrícolas das cidades do interior paranaense”, declarou o deputado petista Zeca Dirceu.

Segundo ele, o atendimento das solicitações, interesses e necessidades dessas empresas logo se traduzirá em benefícios concretos e expressivos para agricultores, trabalhadores e população da região.

O parlamentar volta à Valec na terça-feira (07), às 15h30, para nova reunião com o presidente do Conselho de Administração e o diretor-presidente da empresa, José Francisco das Neves, o Juquinha, para reforçar

suas reivindicações e entregar uma série de documentos, como mapas, relatórios detalhados sobre produção e exportação agroindustrial e informações sobre o potencial de desenvolvimento dos municípios da região.


SEXTA-FEIRA, 03 DE JUNHO DE 2011

GERAL

O PRESENTE | 09

OPORTUNIDADE

Governo investe R$ 531 mil em qualificação profissional Arnaldo Alves/AENotícias

Cursos serão oferecidos gratuitamente para pessoas de baixa renda, até agosto, em 30 municípios de todas as regiões do Paraná

O

Governo do Estado firmou ontem (02) uma parceria com o Sistema Fecomércio (Sesc/Senac) para ofertar qualificação profissional para 660 pessoas até agosto próximo, em 30 municípios de todas as regiões do Paraná. Os cursos serão oferecidos gratuitamente para pessoas de baixa renda. O termo de

prestação de serviços foi assinado ontem em Curitiba, pelo governador Beto Richa; pelo secretário de Trabalho e Emprego, Luiz Claudio Romanelli; e pelo presidente do Sistema Fecomércio, Darci Piana. Serão aplicados no Plano Territorial de Qualificação (PlanTeQ) R$ 531,4 mil - recursos do Fundo de Amparo ao Trabalhador (FAT) e do Tesouro do Estado. O plano inclui cursos de garçom, cabeleireiro, auxiliar, vitrinista, camareiro, motorista, padeiro, confeiteiro e açougueiro. O governador Beto Richa destacou que os cursos de qualificação representam uma oportunidade de ingressar numa profissão ou aperfeiçoar o conhecimento. “As parcerias são necessárias para garantir cidadania à população. Esta-

Decisão do STF é muito bem-vinda, afirma secretário da Fazenda O secretário estadual da Fazenda, Luiz Carlos Hauly, afirmou ontem (02) que é muito bem-vinda a decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) de considerar inconstitucionais medidas de incentivos fiscais criadas por diversos Estados brasileiros - a partir da redução de alíquotas de ICMS em operações interestaduais - sem anuência do Conselho Nacional de Política Fazendária (Confaz). Segundo Hauly, o julgamento vai ao encontro do trabalho que está sendo feito desde o início do ano pelo governo paranaense, Confaz e pelo fórum dos Estados do Sul e do Sudeste, criado em maio, para pacificar a guerra fiscal. “Era uma decisão esperada”, comentou. De acordo com o secretário, o entendimento do Supremo sobre incentivos fiscais não afeta a política de atração de empresas em vigor no Estado. “As decisões não têm qualquer efeito sobre o programa Paraná Competitivo, por-

que se trata de programa interno, baseado em lei estadual, que não abre mão de receita, apenas a posterga”, explica Hauly. Ele lembrou que em reunião recente com o ministro Guido Mantega, o governador Beto Richa defendeu a redução para zero das alíquotas de ICMS nas operações interestaduais. “Mas os 4% propostos pelo Ministério da Fazenda são aceitáveis”, disse. No encontro, o Paraná também pediu o fim da redução nas alíquotas de importação e que seja acelerada a diminuição interna das alíquotas de toda a cadeia alimentar. As leis de incentivos estarão no centro das discussões da próxima reunião do Confaz, que será realizada em Curitiba entre 06 e 08 de julho. Hauly acredita que a reunião do Confaz vai tomar decisões importantes com relação ao ICMS e acredita que elas serão “propositivas e importantes para a economia dos Estados”.

mos investindo no bem mais importante que uma pessoa pode ter em sua vida: o conhecimento”, disse.

COPA 2014 O termo de parceria entre governo e Fecomércio foi assinado durante o lançamento oficial do programa “Senac na Copa, Paraná no Mundo”, ontem, no Teatro do Sesc da Esquina, em Curitiba. O programa ofertará mais de 20 mil vagas em 547 cursos de qualificação profissional para serviços diretamente ligados à Copa do Mundo de 2014. Os cursos serão ministrados em três dos chamados destinos indutores - municípios paranaenses que recebem maior número de turistas estrangeiros: Curitiba, Foz do Iguaçu e Paranaguá. Os cursos ofertados pelo Sistema Nacional de Aprendizagem Comercial (Senac) podem ser presenciais ou a distância e estão divididos em quatro categorias: capacitação, socioprofissional, aperfeiçoamento e técnicos. Pessoas com renda mensal de até dois salários-mínimos podem frequentar os cursos

O presidente do Sistema Fecomércio, Darci Piana, o governador Beto Richa e o secretário de Trabalho e Emprego, Luiz Claudio Romanelli, durante assinatura de termo de parceria

gratuitamente. O valor a ser cobrados dos demais varia conforme a área pretendida. De acordo com o presidente do Sistema Fecomércio - Sesc/Senac Paraná, Darci Piana, o Paraná é o terceiro Estado do país em volume de turistas estrangeiros. “Temos desde este momento a preocupação em atender com qualidade os

visitantes que virão ao Estado durante a Copa. O conhecimento adquirido para a competição poderá ser utilizado também em outros grandes eventos, como a Copa América e as Olimpíadas de 2016”, afirmou. Hoje (03), o programa “Senac na Copa, Paraná no Mundo” será lançado em Foz do Iguaçu, às 19 horas, no Hotel Mabu Thermas e Resort.


GERAL

10 | O PRESENTE

SEXTA-FEIRA, 03 DE JUNHO DE 2011

GUAÍRA

Permuta de áreas será discutida em audiência pública amanhã

Vereadores querem ouvir a opinião da população e das autoridades sobre o assunto

O

projeto de lei que dispõe sobre a permuta de áreas entre o município de Guaíra e a Marinha vem sendo analisado desde o início do ano pela Comissão de Legislação, Justiça e Redação Final da Câmara dos Vereadores. Durante reunião realizada quarta-feira (1º), o presidente Guilherme Vanin Rodrigues, o relator Valberto Paixão da Silva e o

secretário João Carlos Hartekoff decidiram organizar uma audiência pública para ouvir a opinião da população e das autoridades sobre o assunto. De acordo com Vanin, a reunião auxiliará para a elaboração do parecer conclusivo sobre o projeto. “Queremos analisar o impacto que esta permuta irá gerar”, explica. “O imóvel que está no documento para a troca é do município, então precisamos saber a opinião da população”, completa. Segundo ele, a importância da proposição exige maiores conhecimento técnicos. “Convidaremos profissionais da prefeitura e da Marinha para que possamos esclarecer todas as dúvidas e

assim dar continuidade ao trâmite da proposição”, destaca. Para o Capitão de Corveta, delegado da Delegacia Fluvial de Guaíra, Eligio Guimarães de Moura, a aprovação da permuta permitirá à Marinha proporcionar um atendimento mais ágil à população. “Com a mudança das nossas instalações, estaremos mais próximos ao rio”, explica. Os imóveis da Marinha e do município foram avaliados pelas comissões do Executivo e por um corretor de imóveis habilitado. Depois de concluir a proximidade entre os valores, tanto a prefeitura quanto a organização militar demonstraram interesse em permutar as áreas.

Curso de relacionamento interpessoal inicia na quarta-feira A agenda de treinamentos da Associação Comercial, Industrial e Agropecuária de Marechal Cândido Rondon (Acimacar) para o mês de junho inicia na próxima quartafeira (08), quando será realizado o curso sobre relacionamento interpessoal, que prossegue até sextafeira (10). O evento é voltado a empresários, gestores, estudantes e demais interessados. A instrutora Delair Borges Zermiani, que é consultora em gestão de pessoas, vai abordar o autoconhecimento para a autoestima; autoestima para relacionamentos eficazes; como eu me vejo, como sou visto, como sou afinal; livre arbítrio

e poder de escolha para alcançar os resultados desejados; e Programação Neurolinguística (PNL) para melhorar relacionamentos. O objetivo é fornecer aos participantes formas de aprimorar as relações interpessoais por meio de métodos estudados da psicologia social, tanto individual como coletivo; estimular o reconhecimento do potencial e as dificuldades para se trabalhar com as pessoas; desenvolver e aprimorar a comunicação assertiva interpessoal; facilitar a convivência em grupo; adquirir ferramentas e técnicas para uma comunicação construtiva e oportuna; e aprender a

avaliar seu próprio estilo de comunicação, buscando aprimorar as relações interpessoais.

AGENDA DO MÊS A agenda de cursos da Acimacar para o mês de junho conta com mais treinamentos. Nos dias 14, 15 e 16 acontece a capacitação sobre planejamento estratégico; no dia 18 sobre qualidade no atendimento ao público (gratuito); nos dias 18 e 25 de junho, 02, 09 e 16 de julho será realizado treinamento fiscal; “Minha empresa precisa de Cipa?” será a palestra promovida no dia 21 de junho (gratuita para associados); no dia 28 será realizado o workshop com o tema “Como conduzir reuniões”; leis trabalhistas será o foco da palestra do dia 29 de junho (gratuita); e, por fim, no dia 30 acontece a palestra sobre trânsito com cidadania (evento gratuito).

EMPRETEC Empresários interessados em desenvolver características empreendedoras já podem se programar para participar do Empretec, que será promovido pela Acimacar entre os dias 19 e 23 de setembro. No dia 15 de agosto haverá uma palestra de sensibilização com o instrutor do Sebrae/PR, Carlos Guedes. O Empretec é considerado um dos maiores programas de capacitação do Brasil. O curso, em forma de seminário, auxilia empresários de todos os segmentos a reconhecerem seu potencial empreendedor.

Agência Senado

(@Agencia_Senado)

Gleisi Hoffmann lamenta estratégia da oposição que levou à derrubada de medidas provisórias http://tinyurl.com/6kc3ob2

Sergio Diniz (@SergioDinizBSB) Jornalista Fome Zero não resgatou 16 milhões de brasileiros da miséria. Quais serão as ações inovadoras do “Brasil sem Miséria”?

Roberto Jefferson (@blogdojefferson) Presidente nacional do PTB No passado, o PT matava para chegar ao poder; hoje, ele começa a morrer pelos abusos cometidos no exercício dele. http://ht.ly/58DcE

Enio Verri (@enioverript) Deputado estadual do PT Banda larga de R$ 35 deve chegar em julho, diz ministro Paulo Bernardo http://see.sc/Avtrpb

Zeca Dirceu (@zeca_dirceu)

Deputado federal do PT

Dilma visitará o Paraná em julho para discutir agricultura familiar http://bit.ly/jW7y2Y

Imprensa Presidência

(@imprensaPR)

Meta do Água para Todos, do Brasil Sem Miséria, é atender 750 mil famílias com a construção de cisternas e sistemas simplificados coletivos.

Fábio Campana

(@fabiocampana)

Jornalista e colunista político Ao lado de Lula, Dirceu diz que Palocci está firme http://www.fabiocampana.com.br/?p=114651 Ortigara admite que o Paraná tem deficiência na inspeção veterinária http://www.fabiocampana.com.br/?p=114616

Marcelo Tas

(@MarceloTas)

Apresentador do CQC Blatter, mais queimado que caixa eletrônico, é reeleito porque adversário dele foi eliminado por compra de votos. Eleição da Fifa ou PCC?

Cícero Cattani

(@cicerocattani)

Diretor do Hora H News “Demoro o tempo que precisar”, dispara @gustavafruet em direção àqueles que cobram uma definição já. http://www.horahnews.com.br/

Assembleia Legislativa do PR (@legislativoPR) Privatização dos aeroportos do Paraná será tema de audiência pública na Assembleia Legislativa na próxima quarta-feira (08). http://bit.ly/jk4OfS

Quanto Tempo Dura? (@quantotempodura) O governo do PT tá querendo erradicação da miséria. Já o PSDB, pra variar, só quer erradicação do PT.

Gazeta do Povo (@gazetadopovo) Pedro Simon pede saída de Palocci da Casa Civil na tribuna do Senado http://bit.ly/k2aTBA

José Simão (@jose_simao) Colunista da Folha de São Paulo Diz que o @rubarrichello foi atropelado por uma tartaruga. Aí a polícia perguntou: “Como foi?”. E ele disse: “Não sei, foi tudo tão rápido!”.

J.R.Duran

(@jotaerreduran)

Fotógrafo “Despacho em aberto” é o mesmo que dizer “não sabemos o que fazer com seu voo”.

Revista Veja (@VEJA) MEC fecha 11.000 vagas em cursos de Direito http://migre.me/4HJT3.

O Jornal O Presente também está no Twitter. Acompanhe: twitter.com/o_presente (@O_Presente)


SEXTA-FEIRA, 03 DE JUNHO DE 2011

GERAL

O PRESENTE | 11

DISCUSSÃO

Rondonenses prestigiam seminário de diagnóstico habitacional Divulgação

Próxima ação será a realização de uma conferência, quando será redigido um documento que vai explicar com detalhes a carência habitacional, soluções e encaminhamentos de Marechal Rondon

U

m número expressivo de pessoas participou, na última quartafeira (1º), do “Seminário do Diagnóstico do Plano Local de Habitação de Interesse Social PLHIS”, promovido pela Prefeitura de Marechal Cândido Rondon, por intermédio da Secretaria de Assistência Social, junto ao Café Colonial do parque de

exposições. O seminário correspondeu à segunda etapa do Plano Local de Habitação de Interesse Social e ao Diagnóstico do Setor Habitacional. Na oportunidade, a equipe técnica da Agência de Desenvolvimento do Extremo Oeste do Paraná (Adeop) apresentou o trabalho desenvolvido em conjunto com o governo municipal e a comunidade, referente ao tema moradia, no município. O objetivo é ampliar a oferta e melhorar as condições de moradia das famílias de baixa renda, visando encontrar instrumentos que resolvam a dificuldade na questão do déficit habitacional em Rondon. Segundo a secretária de Assistência Social, primeira-dama Maria Cleonice Froehlich, a população entendeu o chamado da administração municipal, pois há um envolvimento significativo nos encontros e discussões so-

Registro do pronunciamento da secretária de Assistência Social, primeira-dama Maria Cleonice Froehlich, durante o “Seminário do Diagnóstico do Plano Local de Habitação de Interesse Social - PLHIS”, na quarta-feira (1º), no Café Colonial

bre a habitação. “Estamos muito felizes pela participação da comunidade rondonense e, em vista disso, juntos vamos poder construir um Plano Local de Habitação de Interesse Social para o nosso município. Em virtude do desenvolvimento das cida-

des, o projeto de habitação deve ser muito bem planejado e elaborado, pois assim os municípios poderão comportar todo esse desenvolvimento, como Marechal Rondon está tendo”, expõe Maria Cleonice. A próxima ação da Secretaria

deverá culminar com a realização de uma conferência, quando será redigido um documento que vai explicar com detalhes a carência habitacional, soluções e encaminhamentos de Marechal Rondon. A data do evento ainda será marcada pela pasta de Assistência Social.

JCI promove concurso de oratória nas escolas Divulgação

A JCI Marechal Cândido Rondon mais uma vez está realizando o concurso de Oratória das Escolas, com o objetivo de oferecer aos jovens estudantes a oportunidade de conhecimento, reflexão e conscientização soDiretora Comunitária da JCI, Andréia Eggers: “Pedimos o empenho de todas as escolas, para que participem do projeto. Para se ter uma ideia, no ano passado, ele foi premiado como melhor projeto comunitário do mundo. É um projeto consolidado que tem surtido grande efeito em todos os educandários”

bre a responsabilidade e compromisso de cada indivíduo em relação aos Objetivos de Desenvolvimento do Milênio, propostos pelos países-membros da Organização das Nações Unidas, em nível local, regional, nacional e mundial, no ano de 2011. O projeto é realizado anualmente no município e atinge grande número de alunos. Para este ano o tema escolhido foi “Objetivos do Milênio: Qual é o meu jeito de mudar o mundo?”. Conforme a diretora Comunitária da JCI Marechal Rondon,

Andréia Eggers, o concurso engloba as categorias de concurso de desenho, para alunos de 2ª e 3ª séries do Ensino Fundamental; concurso de redação, para alunos das 4ª séries do Ensino Fundamental; concurso de oratória, para 5ª a 9ª série do Ensino Fundamental; e concurso de oratória, para alunos da 1ª a 3ª série do Ensino Médio. Podem concorrer alunos das escolas municipais, estaduais e particulares. As inscrições podem ser feitas até o dia 13, junto às escolas. Para o dia 11 está programado

curso preparatório na sede da JCI Marechal Rondon, com início às 16h30. A etapa municipal acontece no dia 20, às 19 horas. O aluno classificado na categoria concurso de oratória, para 5ª a 9ª série, representará o município na etapa regional em São Miguel do Oeste, de 06 a 07 de agosto. Caso obtenha sucesso, concorrerá com os demais campeões das etapas regionais, durante a 57ª Convenção Nacional da JCI Brasil, na cidade de Campos dos Goytacazes, no Rio de Janeiro, em outubro deste ano.


GERAL

12 | O PRESENTE

SEXTA-FEIRA, 03 DE JUNHO DE 2011

FORMALIZAÇÃO AO MEI

Sala do Empreendedor será inaugurada em Pato Bragado Marili Besso

Solenidade acontece terça-feira (07). Objetivo é regularizar a situação dos trabalhadores informais

T

rabalhadores de Pato Bragado que exercem uma função na informalidade podem regularizar a situação, tornando-se empreendedores individuais, a partir de terça-feira (07), com a inauguração da Sala do Empreendedor, junto à Secretaria de Indústria e Comércio. A solenidade acontece às 09 horas e deverá contar com a presença de autoridades locais, comerciantes, industriais e representantes do Sebrae/PR. Para a presidente do Comitê Gestor, Nelci Katchor, a Sala do Empreendedor será um ponto de referência para prestação do serviço de formalização ao Micro Empreendedor Individual (MEI), criando estratégias de negócios sustentáveis, orientações e acesso ao crédito, consultorias gratuitas com consultores do Sebrae a todos os empreendedores do município. “É um importante avanço do Poder Público do município em parceria com a Associação Comercial, Industrial de Pato Bragado (Acibra) e Sebrae/PR”, destaca. A lei geral da micro e pequena empresa estabelece tratamento diferenciado e favorecido a esses empreendimentos no âmbito do município.

Presidente do Comitê Gestor, Nelci Katchor: “O custo da formalização é o pagamento mensal que varia de R$ 27,25 a R$ 33, 25 (INSS), R$ 5 (Prestadores de Serviços) e R$ 1 (Indústria e Comércio)”

“É importante ressaltar que a Sala do Empreendedor é somente um capítulo da lei que abrange uma série de ações realizadas no município, todas voltadas às micro e pequenas empresas. Estas ações são desenvolvidas pelos membros do Comitê Gestor do Plano de Desenvolvimento Local (PDL)”, ressalta a presidente.

CUSTOS E VANTAGENS Nelci menciona que entre as vantagens oferecidas por essa lei está o registro no Cadastro Nacional de Pessoas Jurídicas (CNPJ), o que facilitará a abertura de conta bancária, o pedido de empréstimos e a emissão de notas fiscais. Além disso, segundo ela, o empreendedor

será enquadrado no Simples Nacional e ficará isento dos tributos federais (Imposto de Renda, PIS, Cofins, IPI e CSLL). “O empreendedor também terá acesso a benefícios como auxílio maternidade, auxílio doença, entre outros”, detalha. O custo da formalização é o pagamento mensal que varia de R$ 27,25 a R$ 33, 25 (INSS), R$ 5 (Prestadores de Serviços) e R$ 1 (Indústria e Comércio). O carnê é emitido no portal do empreendedor e as quantias serão atualizadas anualmente, de acordo com o salário mínimo. A sala estará localizada na Agência do Trabalhador, junto à Secretaria de Indústria e Comércio. O atendimento será de segunda a sexta-feira, das 08 às 12 horas e das 13h30 às 17h30.

Grupo Horizonte retoma projetos de responsabilidade socioambiental No dia 24 de maio foi dado início à programação dos projetos Escola no Campo e Empresa na Comunidade para o ano de 2011. Nesta primeira etapa, os alunos de 4ª série das escolas municipais de Marechal Cândido Rondon, Mercedes e Quatro Pontes visitam, com ônibus disponibilizados pelas prefeituras destes municípios, o campo experimental da Atimop, em Porto Mendes, onde recebem informações sobre a cultura da mandioca, formas de cultivo, benefícios e sua importância econômica. Em virtude da re-

gião ser essencialmente agrícola, o técnico das Fecularias Horizonte, Sigmar Herpich, também ensina sobre o uso correto dos Equipamentos de Proteção Individual que todo agricultor deve usar na aplicação de defensivos na lavoura, matéria que consta no livro pedagógico fornecido pela Syngenta, para que as crianças aprendam desde cedo como proceder quando atingirem a idade de manusear estes produtos e já agora incentivem os adultos a adotar as práticas corretas, exigidas por lei, protegendo assim a saúde de toda família. Divulgação

Durante visita ao campo experimental da Atimop, em Porto Mendes, o técnico das Fecularias Horizonte, Sigmar Herpich, explica aos alunos sobre o uso correto dos Equipamentos de Proteção Individual

Apoer e Biolabore promovem Feira da Bondade do Rui curso a agricultores será na segunda-feira

A Associação de Produtores Orgânicos de Entre Rios do Oeste (Apoer), juntamente com a Cooperativa de Trabalho e Assistência Técnica do Paraná (Biolabore) e o Programa Cultivando Água Boa, da Itaipu Binacional, com apoio da prefeitura, está participando da Semana Nacional do Alimento Orgânico - 28 de maio e até domingo (05). Como parte da programação, na segunda-feira (06) será realizado um curso prático para elaboração do Biofertilizante Supermagro, promovido pela Apoer e Biolabore,

na segunda-feira (06), a partir das 14 horas, na propriedade do agricultor Ivo Arndt. Todos os agricultores familiares do município estão convidados, inclusive os que irão participar do Concurso das Hortas Caseiras. Segundo o técnico em agropecuária Vilson Redel, o objetivo do evento é incentivar a população a consumir alimentos orgânicos, o que, automaticamente, estimula uma maior produção por parte de agricultores familiares, inclusive os da Apoer, possibilitando, ainda, que mais famílias perma-

neçam no campo. “Gera também a segurança alimentar, pois teremos agricultores familiares produzindo no local e na região, diminuindo a dependência de alimentos de fora. Fortalecendo a todos, se tornando um consumidor consciente e responsável. O grande ganho das pessoas que consomem alimento orgânico é com certeza a saúde, pois estará consumindo alimentos saudáveis, equilibrados e nutritivos, sem resíduos que possam trazer prejuízos à saúde”, avalia o técnico.

A tradicional Feira da Bondade, do Colégio Luterano Rui Barbosa, de Marechal Cândido Rondon, será realizada na segunda-feira (06), a partir das 18h30, no ginásio de esportes da instituição. O evento, aberto a toda comunidade, promove a comercialização de roupas, calçados e cobertores a preços acessíveis, que variam de R$ 0,50 a R$ 5. O objetivo principal é beneficiar as famílias carentes da cidade e, além disso, o resultado da feira é revertido em benefícios para

entidades de assistência social. Conforme o diretor do colégio, Neander Kloss, todos os alunos se envolveram na recolha das doações, porém, a turma da terceira série do Ensino Médio é a organizadora do evento. “Como é de costume, os alunos do terceirão são os responsáveis pela organização das doações, sendo que, até o momento, o resultado foi muito positivo e já temos um grande número de peças de roupas, calçados e outros utensílios de inverno”, destaca Neander.


SEXTA-FEIRA, 03 DE JUNHO DE 2011

GERAL

O PRESENTE | 13

LINHA AJURICABA

IAP recebe denúncia de descarte irregular de agrotóxicos Fotos: Carina Ribeiro/OP

Em torno de 50 embalagens vazias foram encontradas próximo ao abastecedouro comunitário

O

Instituto Ambiental do Paraná (IAP) de Toledo recebeu ontem (02) denúncia de descarte irregular de embalagens de agrotóxicos em área de lavoura localizada na Linha Ajuricaba, em Marechal Cândido Rondon. Em torno de 50 embalagens foram despejadas nas proximidades do abastecedouro de água comunitário da localidade. Vários galões e outras embalagens, bem como caixas de papelão, se espalhavam no local, ontem, devido ao vento. De acordo com a chefe do IAP

Embalagens foram despejadas junto ao abastecedouro de água comunitário

regional, Maria Glória Pozzobon, ainda na tarde de ontem seriam acionadas autoridades da Secretaria Municipal de Agricultura e Meio Ambiente para providenciarem o recolhimento das embalagens do local, visando evitar que causassem maiores danos ambientais. “O descarte de embalagens vazias de agrotóxicos é crime. É inadmissível que isso ocorra, principalmente na nossa região, onde existe toda uma logística de recolhimento implementada”, declara. Segundo ela, além de registrar denúncia, o IAP tomará medidas legais cabíveis. “Vamos buscar responsabilizar quem inadvertidamente descartou de forma irregular as embalagens”, pontua. Uma investigação será iniciada com o objetivo de levantar qual o tipo de agrotóxico, qual a indústria fabricante, qual a empresa que co-

mercializou e que produtor fez o descarte irregular. Os vasilhames vazios depositados na natureza se tornam um passivo ambiental. Conforme o Decreto 4.074, o produtor tem obrigação de fazer a devolução das embalagens de agrotóxicos, já que as empresas comercializadoras são responsáveis pela correta destinação dos vasilhames.

IDENTIFICAÇÃO Um dos percalços para a identificação de autores de descartes irregulares é que a lei não exige a discriminação do lote do produto na nota fiscal. Normalmente o lote de produtos como agrotóxicos gira em torno de dez mil litros, sendo este volume distribuído para todo o país. Existe um rastreamento somente da indústria para as empresas comercializadoras. Já a partir da venda ao consumidor final não existe um rastreamento que permita identificar o produtor pelo código de barras do produto adquirido.

RETORNO Por outro lado, o Decreto 4.074 determina prazo de um ano para o produtor faça a devolução das embalagens vazias após o uso. Inclusive há esta orientação do receituário agronômico e na nota fiscal do produto adquirido. A nota inclusive discrimina o local onde deve ser feita a devolução. Na região de Marechal Rondon, a maioria da coleta é feita de forma itinerante, tendo em vista se tratarem de pequenas propriedades. O descumprimento da devolução pode resultar em notificação com novo prazo para fazer o retorno da embalagem, ou abertura de processo administrativo em forma de auto de infração, advertência e multa.

Dezenas de vasilhames foram descartados ao ar livre na localidade Arquivo/OP

Chefe do IAP, Maria Glória Pozzobon: “Vamos imprimir esforços no sentido de identificar os autores deste crime ambiental. Alguém será responsabilizado!”


GERAL

14 | O PRESENTE

SEXTA-FEIRA, 03 DE JUNHO DE 2011

COLHEITA

Produtividade de mandioca supera expectativas na região Fotos: Carina Ribeiro/OP

Rendimento médio por tonelada teve aumento de cerca de 22% em comparação com o ano passado

O

s resultados da colheita de mandioca na região de Marechal Cândido Rondon estão superando as expectativas de produtores. A produtividade média está acima da alcançada pelas lavouras no ano passado. De acordo com o técnico da Agrícola Horizonte, Sigmar Herpich, a mandioca que está há nove meses plantada, está rendendo em média 55 toneladas por alqueire. “No ano passado a mandioca de um ciclo tinha uma produtividade média de 45 toneladas”, compara. Já a de dois ciclos vem alcançando em torno de 100 toneladas por alqueire. Neste ano, em maio houve uma antecipação da colheita em algumas lavouras e a aceleração do processo de retirada das raízes. “Em torno de 95% das lavouras de dois ciclos já foram colhidas. Essa pressa para colher ocorreu devido ao preço, que no mês anterior estava mais alto, com previsão de queda, e também visando retirar a produção da lavoura antes da entrada no mercado da mandioca de um ciclo, cujas perspectivas já eram boas”, declara. A previsão de queda na valorização se

Técnico da Agrícola Horizonte, Sigmar Herpich: “Houve chuvas regulares de novembro a fevereiro, na fase em que mais a cultura precisa, enquanto a seca ocorreu em momento que não alterava mais a produtividade”

efetivou. A tonelada de mandioca amido 25 caiu de R$ 216 para cerca de R$ 175 praticados atualmente. “Essa redução se deve à tendência de aumento da oferta ocasionada pela ampliação da área de plantio na região em cerca de 35%”, afirma Herpich, lembrando que houve um estímulo para os produtores optarem pela cultura, além dos preços se mostrarem atrativos na época. Em Marechal Rondon, a cultura passou de 2,1 mil hectares para três mil a partir de 2010. Na região Oeste, a estimativa é de que a área cultivada passou de 17 mil para 22 mil hectares.

RENTABILIDADE

Herpich lembra que, com a oferta maior, é natural o movimento de adequação de preço conforme o que o cliente de amido está disposto a pagar. “Em setembro a tendência é de redução da oferta e elevação de preço”, diz. Mesmo com o recuo do preço da mandioca, a rentabilidade bruta ao produtor fica em média R$ 9,6 mil por tonelada produzida por alqueire. “Considerando os preços atuais de outros produtos no mercado agrícola, esse montante é equivalente a 240 sacas de soja ou a 410 sacas de milho”, calcula.

MECANIZAÇÃO

Sigmar Herpich e o produtor Mateus Tholken conferem resultados da cultura: mandioca de dois ciclos rendeu 100 toneladas por alqueire

Os resultados da colheita, conforme o técnico, se devem principalmente ao favorecimento do clima. “Houve chuvas regulares de novembro a fevereiro, na fase em que mais a cultura precisa, enquanto a seca ocorreu em momento que não alterava mais a produtivi-

Na mandiocultura, frete representa em torno de 20% a 30% do custo de produção

dade”, explana. Conforme Herpich, atualmente quase 100% das áreas cultivadas contam com a mecanização da colheita. “O uso de equipamentos como roçadeira e afofador têm permitido a colheita da mandioca, mesmo nas condições de seca em que nos encontramos”, pontua. Outro fator favorável foi a tecnificação e os novos herbicidas colocados no mercado. “Antes essa questão era um gargalo, por causa da mão de obra”, lembra.

DIAGNÓSTICO

Segundo o técnico agrícola, no início do ano o Conselho de Desenvolvimento dos Municípios Lindeiros ao Lago de Itaipu encomendou uma pesquisa da Biolabore para traçar um diagnóstico do cultivo de mandioca. O profissional menciona que foram entrevistados 310 produtores da região. Conforme o que declararam, vivem na propriedade em média 3,63 pessoas. Já o número de pessoas que trabalham na propriedade cai para 2,46. As propriedades possuem aproximadamente 8,66 alqueires. “Em cerca de 64% das propriedades na região lindeira ocorre o cultivo de mandioca, seja comercial ou para consumo doméstico”, explana. De acordo com Herpich, a pesquisa ainda revelou que são destinados à cultura em torno de 2,84 alqueires por propriedade. “Ela também apontou que cerca de 61% dos produtores não calcula exatamente qual o custo que tem de produção”, acrescenta. Dentre as variedades cultivadas estão a cascuda (49%), a baianinha (31%), a fécula

branca (10%) e outras somam juntas 10%. Ainda foi levantado que 75% dos produtores têm preferência por realizar o plantio de mandioca entre agosto e setembro. “Cerca de 91% da produção vai para fecularia, 8% para polvilheiras e 1% para outras destinações, sendo a maioria para consumo de mesa”, declara.

SATISFAÇÃO

Mesmo com a redução de preço, ainda assim continua sendo uma cultura rentável, defende o técnico. O produtor rondonense Matheus Tholken, que há dois anos optou pelo cultivo da cultura na Linha Ajuricaba, não se arrepende de ter reduzido a área de soja. Ele está colhendo em média 100 toneladas por alqueire de mandioca de dois ciclos. “Esperava colher em torno de 80, então estou satisfeito”, afirma. O mandiocultor resolveu apostar na cultura devido à menor interferência sofrida quando da ocorrência de intempéries climáticas. “O risco de quebra da produção é menor. O único problema é o preço”, diz. Por outro lado, admite que o retorno é garantido.

FRETE

Dentre os custos de produção, um dos mais altos tem sido o do frete, que representa em torno de 20% a 30% do total. Os produtores da região são favorecidos por contarem com indústria próxima. Atualmente, o valor praticado pelo frete gira em torno de R$ 17 por tonelada para percorrer uma distância de até 35 quilômetros. A maioria do serviço é terceirizado pelos produtores.

DIA DE CAMPO A Associação Técnica das Indústrias de Mandioca do Paraná (Atimop) e o Iapar promoverão, no dia 06 de julho, mais uma edição do Dia de Campo da Mandioca. Conforme o tesoureiro da associação, Glederson Luiz Zulpo, o evento contará com palestra a ser ministrada pelo técnico do Instituto Agronômico de Campinas (SP), Afonso Peché Filho. O evento, que acontecerá no Campo Experimental de Porto Mendes, também terá dinâmica de máquinas e equipamentos voltados à mandiocultura, demonstração de soluções caseiras para necessidades da atividade, além de concurso do maior pé de mandioca. Sete empresas já estão confirmadas. A abertura ocorrerá às 13 horas. Haverá transporte das principais regiões produtoras. “Nossa expectativa é de que em torno de 800 a mil pessoas prestigiem o Dia de Campo”, declara. O público geralmente é oriundo das regiões Oeste e Noroeste do Paraná, Sul do Mato Grosso do Sul, além da Argentina e do Paraguai.

Em época de solo seco, arranquio tem sido facilitado pelo serviço de roçadeira e afofador

Mesmo com a mecanização, mão de obra para a colheita ainda impacta nos custos

Tesoureiro da Atimop, Glederson Luiz Zulpo: “Esperamos a participação de 800 a mil pessoas”


VARIEDADES

SEXTA-FEIRA, 03 DE JUNHO DE 2011

O PRESENTE | 15

Mande sua sugestão, crítica ou piada para carina@opresente.com.br

*

SEXTA-FEIRA (03)

MALHAÇÃO

CORDEL ENCANTADO

MORDE E ASSOPRA

Fausto admite que mandou os e-mails fingindo ser Raquel, mas garante que não enviou o cartão postal. Babi encontra Rejane dentro do armário de Maicon e desiste dele. Guilherme e Catarina percebem que a menina não é Raquel. Cláudia tenta convencer Duda de que Fausto estava bem-intencionado ao mandar os e-mails, mas a filha não aceita o argumento. Theo recebe outra ligação misteriosa. Duda vê Eric e Josiane conversando e acha que eles estão juntos. Pedro se mete na discussão de Duda e acusa Eric de ter mandado o cartão em nome de Raquel.

Batoré retira Antônia à força do carro de Timóteo. Todos na igreja estranham a demora da noiva. Batoré atropela uma mulher na estrada para fugir de Inácio. Lilica ouve o coronel dizer que vai acabar com Jesuíno no dia do seu casamento. Zenóbio fica incomodado com o jeito com que Florinda trata Petrus. Inácio promete cuidar dos filhos da mulher que Batoré atropelou. Úrsula conta o plano de Timóteo para Herculano. Miguézim consola Inácio. Batoré pede que Timóteo ajude-o a pegar Antônia. Úrsula ouve o plano de Augusto para impedir o casamento de Jesuíno e Açucena.

Dulce propõe a Salomé que ela compre sua casa. Isaías dá a Virgínia um vestido igual ao de Minerva. Josué flagra Virgínia com o prefeito. Naomi provoca uma intriga entre Ícaro e Akira. Salomé compra a casa de Dulce e a faxineira se oferece para alugar o imóvel. Dulce pede a Marcos um emprego para Guilherme no café. Salomé tenta raptar Zariguim e cai em uma armadilha. Celeste beija Áureo para provocar ciúme em Abner. Inês visita Alice. Guilherme começa a trabalhar no café. Josué conta para Salomé que Ícaro lhe fez perguntas sobre a acusação contra Júlia. Alice vai ao café com Inês e vê Guilherme.

INSENSATO CORAÇÃO Léo age friamente com Pedro, que perde a paciência com o irmão. Ismael mostra para Norma as fotos que tirou de Léo e Irene. Rafa culpa Cortez pela morte de Clarice. Raul e Pedro suspeitam de que Léo possa ser o responsável pela morte de Irene. Pedro tenta contar a verdade para Marina, mas ela não acredita nele. Paula dá um carro para Eduardo e ele termina o namoro com ela. Paula procura Eduardo e eles reatam o namoro. Vitória aconselha Marina a procurar Léo. Raul adia sua viagem com Carol. Léo finge se emocionar durante uma conversa com Marina. Carol fala com André que não irá mais viajar e ele lamenta por não poder passar a noite com Antônio.

* Os resumos dos capítulos estão sujeitos a mudanças em função da edição da novela.

SOGRA NO HOSPITAL JUSTIÇA

Aquele político velho de guerra estava sendo julgado por corrupção. Enquanto transcorria o julgamento, ele aguardava em sua casa nervosamente. De repente, toca o telefone e o advogado encarregado da sua defesa diz, sem esconder a euforia: - Doutor, a justiça foi feita! - Vamos recorrer! - responde o político.

TRABALHO DOBRADO

Fidel está fazendo um dos seus famosos discursos na Praça da Revolução: - E a partir de agora temos de fazer mais sacrifícios! Ouve-se uma voz na multidão: - Trabalharemos o dobro! O comandante continua: - E temos de entender que haverá menos alimentos! A mesma voz: - Trabalharemos o triplo! Fidel prossegue: - E as dificuldades vão aumentar! - Trabalharemos o quádruplo! Fidel vira-se para o chefe da segurança e pergunta: - Quem é esse idiota que vai trabalhar tanto? - O coveiro, meu comandante.

O marido chega em casa vindo do hospital, onde visitou sua sogra. Sua mulher pergunta: - Como esta a minha mãe? O marido responde: - Sua mãe está muito bem, saudável como um cavalo e ainda viverá por muito tempo. Na semana que vem ela receberá alta do hospital e virá morar conosco por muitos e muitos anos. A mulher, surpresa, pergunta: - Como pode ser? Ontem mesmo ela parecia estar no seu leito de morte e a equipe médica dizia que ela deveria ter poucos dias de vida!? O marido responde: - Eu não sei como estava ontem, mas hoje, quando perguntei ao médico sobre o estado de sua mãe, ele me respondeu que deveríamos nos preparar para o pior.

Sopa francesa de peixe Ingredientes:

funcho (opcional)

1 kg de peixe de carne firme, cação, por exemplo

2 folhas de louro

5 tomates

2,5 litros de água fervente

6 batatas

pimenta-do-reino a gosto

6 colheres de sopa de azeite de oliva

sal a gosto

1 cebola grande

açafrão a gosto (opcional)

cheiro verde

6 camarões para decorar

5 dentes de alho picado

Modo de preparo: Numa caçarola grande, coloque o azeite e a cebola, doure levemente em fogo baixo. Junte os tomates cortados em pedaços, o louro, o alho, o cheiro verde, o funcho, o sal, a pimenta e o açafrão. Acrescente as batatas cortadas em fatias e o peixe em pedaços grandes. Em fogo baixo deixe cozinhar por alguns minutos. Coloque a água fervente. Mexa levemente para não desmanchar o peixe e deixe cozinhar em fogo baixo até que o caldo fique mais encorpado. Numa frigideira, doure os camarões para enfeitar o prato. Sirva acompanhado de pedaços de baguete ou pão francês.

ÁRIES: A ênfase na energia geminiana se acentua, indicando a importância de novos aprendizados e contatos. Inteligência, versatilidade, capacidade comunicativa e expressiva são fundamentais. TOURO: O processo de absorção e transmissão de conhecimentos ganha uma nova energia. Ênfase na inteligência e na comunicação como atributos importantes. O conhecimento é precioso. GÊMEOS: Fica ressaltada a sua capacidade de se expressar, comunicar e movimentar. Ser flexível e versátil diante dos desafios é fundamental. Expressividade e inteligência aflorados. CÂNCER: O momento é de interiorização, de reflexão, para perceber o que deve ser deixado para trás. A energia atual pede recolhimento e observação das energias sutis e do que ocorre nos bastidores. LEÃO: Fase importante de redefinição de amizades, afinidades e propósitos junto a outras pessoas. Abra-se a pontos de vista distintos, à multiplicidade de pessoas e de experiências. VIRGEM: Percepção dos conhecimentos, movimentos e contatos que estimulam a realização profissional. Terá que ser mais flexível, sabendo se adaptar a diferentes situações e contextos. LIBRA: A atração por outras culturas, países, conhecimentos e crenças o mobilizará. Momento que estimula a ampliação de horizontes mentais, com novos conhecimentos e contatos. Amplie o seu mundo. ESCORPIÃO: Momento de conhecer mais profundamente a dualidade e ambiguidade de certas questões. Foco nos aprendizados que permitirão passar por um profundo renascimento. SAGITÁRIO: Este será o tema predominante das próximas semanas: relacionamento. Deverá mudar seus conceitos sobre relações, parcerias e associações. Muito a aprender com os outros. CAPRICÓRNIO: A atualização profissional, com o aprimoramento de conhecimentos se fará necessária. Deverá ser mais versátil e incluir novos interesses e atividades para evoluir no trabalho. AQUÁRIO: Estímulo a interesses criativos, recreativos, educacionais e afetivos. Jovialidade. O contato com crianças e adolescentes se mostrará importante ao longo das próximas semanas. PEIXES: Hora da introspecção, do autoconhecimento e de aceitar a diversidade. Importantes questões familiares e relativas à privacidade se intensificarão. É preciso refletir sobre elas.


16 | O PRESENTE

SEXTA-FEIRA, 03 DE JUNHO DE 2011

LORENA KUNZLER lorena@opresente.com.br

Divulgação

IVETE SANGALO EM CASCAVEL O dia já está marcado. Os fãs de Ivete Sangalo da região podem preparar os corações, pois a musa baiana estará em Cascavel no dia 11 e se apresenta no Estádio Olímpico Regional à meia-noite. Os valores são: para pista meia entrada R$ 28; pista inteira R$ 53; e para o Lounge, com decoração exclusiva, acesso à área vip, praça de alimentação e banheiros exclusivos, R$ 83. A meia entrada é válida somente para estudantes, idosos, professores ou doadores de sangue mediante apresentação de documento na entrada do evento.

tion Maximu’s A bela Bruna Irber veste look noiva com cauda removível White Collec mais sobre os saber para Atelier. As noivas de toda região podem visitar a Maximu’s ido aos demais pacotes de descontos especiais de até 20% para o casal e estend r familiares e convidados. Mais fotos no site: www.maximusatelier.com.b

NOVOS RECORDES Os atrativos turísticos de Foz do Iguaçu continuaram registrando crescimento expressivo na visitação durante o mês de maio. No acumulado do ano, os números apontam para a quebra de novos recordes e para a superação das metas anuais estabelecidas pela gestão integrada do turismo. Com 594.358 visitantes recebidos até o dia 31 de maio, o Parque Nacional do Iguaçu (PNI) apresentou um crescimento de 18,09% na visitação, no acumulado dos cinco primeiros meses de 2011, em comparação com o mesmo período do ano passado. Em números absolutos, o crescimento foi de mais de 90 mil pessoas, que foram ao Parque para conhecer e se encantar com a força e a beleza das quedas d’água.

O MENINO MALUQUINHO No próximo dia 08 será apresentada a peça teatral “O Menino Maluquinho”, no auditório da Unifass, em Marechal Cândido Rondon, às 20 horas. A peça é voltada ao público infantojuvenil. Ela foi escolhida por ser um texto que traz de volta a inocência de ser criança, de saber como aproveitar a infância e encarar a realidade de crescer sem perder a magia de ser eternamente uma criança. Neste espetáculo, busca-se mostrar todo o lirismo com que este menino a quem os amigos carinhosamente chamam de “Maluquinho” trata o cotidiano de ser uma criança em toda a plenitude da palavra.

Dia 03: Almiro Bauermann Dia 03: Eneida Kliemann Pons Dia 03: Gabriela Santoni Dia 03: Gabriel Vinicius Scussel Dia 03: Ieda Port Dia 03: Isabel Silvana Britz Dia 03: José Hamilton Vieira Dia 03: Kátia Luzia Mantovani Dia 03: Márcia Rita Andrioli Dia 03: Salete Dewes


SEXTA-FEIRA, 03 DE JUNHO DE 2011

SOCIAL

O PRESENTE | 17 Divulgação

MANUAL PRÁTICO DE CORRIDAS DE RUA

O assessor parlamentar Jaimer Tasso esteve recentemente em Brasília, onde, em companhia do deputado federal Moacir Micheletto, foi defender projetos da região e verificar o andamento das emendas dos municípios da sua área de atuação

O Sesi Paraná lançou recentemente o Manual Prático de Corridas de Rua: circuitos de corridas rústicas das indústrias. A publicação é resultado de um trabalho de pesquisa, aprovado no Edital Senai/Sesi de Inovação 2009 e que contou com o apoio de pesquisadores do CNPq. O material foi desenvolvido com base no Circuito de Corridas Rústicas das Indústrias, que é realizado em Curitiba, desde 2007, pelo Sesi em parceria com as empresas Volvo, Bosch e Copel. É um trabalho pioneiro no Brasil pela riqueza de informações e detalhes. Com certeza será uma ferramenta a mais para difundir o esporte não só no Paraná, mas também em todo o Brasil. A corrida rústica é uma modalidade atraente para qualquer atleta, por conta do baixo custo de investimento. Arquivo pessoal

CURSO NA ACIMACAR Na próxima semana - quarta (08), quinta (09) e sexta-feira (10) -, a Associação Comercial, Industrial e Agropecuária de Marechal Cândido Rondon promove o curso “Relacionamento Interpessoal”. O curso será realizado na Acimacar, das 19 horas às 23 horas. O instrutor será Delair Zermiani.

Em momento de felicidade, o casal Elizabeth e Sandro Scherer


AGRONEGÓCIO

18 | O PRESENTE

SEXTA-FEIRA, 03 DE JUNHO DE 2011

FUNRURAL

Justiça Federal também considera tributo inconstitucional Famasul obteve sentença favorável na ação de declaração de inconstitucionalidade da cobrança

A

Federação da Agricultura e Pecuária de Mato Grosso do Sul (Famasul) obteve uma conquista que pode se estender a todo país. A Federação recebeu sentença favorável na ação de declaração de inconstitucionalidade da cobrança da contribuição previdenciária, mais conhecida como Funrural. A sentença foi publicada na segundafeira (30) pela juíza Janete Lima Miguel, da 2ª Vara da Justiça Federal, e contempla todos os pro-

dutores rurais do Estado enquadrados no sistema sindical. De acordo com nota da Famasul, a sentença significa uma vitória importante tendo em vista que reflete o entendimento do Supremo Tribunal Federal (STF) sobre o tema. O assunto já gerou muita polêmica, quando o frigorífico Mataboi, de Minas Gerais, obteve no STF decisão unânime na declaração de inconstitucionalidade do tributo no ano passado. O frigorífico ficou isento de recolher a contribuição, que incide sobre a comercialização de produtos agropecuários. Apesar de ser uma deliberação referente a uma empresa em particular, entendimentos do STF normalmente servem de parâmetro para as decisões nas instâncias inferiores. As decisões da Justiça consi-

deram inconstitucional a contribuição previdenciária sobre a receita bruta decorrente da comercialização de produtos rurais. A sentença ainda pode ser objeto de recurso e provavelmente o será, segundo o assessor jurídico da Famasul, Carlo Daniel Coldibelli Francisco. Por isso, a orientação é de que o pagamento do Funrural não seja suspenso, mas depositado em juízo. “A rigor, a contribuição só vai realmente ser considerada inconstitucional quando os recursos se esgotarem. Por essa razão, o indicado é que os depósitos sejam feitos em juízo até a decisão final do processo”, orienta. O assessor enfatiza ainda que a sentença não contempla pedidos de restituição, os quais devem ser solicitados individualmente, como muitos já estão fazendo.

Preços de commodities têm queda de 4,47% em maio O Índice de Commodities Brasil (IC-Br), divulgado quarta-feira (1º) pelo Banco Central (BC), registrou queda de 4,47%% em maio deste ano, ante o mês anterior. No acumulado do ano até maio, houve alta de 3,04%. Em 12 meses encerrados em maio, o índice aumentou 31,29%. O índice verifica as variações de preços de produtos básicos com cotação internacional (commodities) para avaliar os efeitos na inflação do Brasil.

O segmento agropecuário (formado por carne de boi, algodão, óleo de soja, trigo, açúcar, milho, café e carne de porco) teve queda de 6,58% na comparação de maio com abril e alta de 1,58% no acumulado do ano até o mês passado. No caso dos metais (alumínio, minério de ferro, cobre, estanho, zinco, chumbo e níquel), houve queda de 2,32%, no mês, e alta de 1,02%, no acumulado até maio. O segmento de energia (petróleo, gás natural e carvão) apresentou queda de 1,56% em maio, ante o

mês anterior, e alta de 8,17% nos cinco meses do ano. Segundo os dados do Banco Central, o IC-Br apresentou queda maior em maio em relação a abril do que o índice CBR, calculado pelo Commodity Research Bureau. Esse índice, que teve queda de 1,34% no período, é uma medida dos movimentos de preços de produtos básicos mais sensíveis a mudanças de condições econômicas. No acumulado do ano até maio, o CBR apresentou alta de 4,79%

Analista prevê menos oscilações nos preços de grãos na safra Os altos e baixos das cotações internacionais da soja e do milho, que confundem a cabeça do produtor e dificultam a comercialização dos grãos, devem ser menos intensos ao longo da temporada 2011/12. A tendência é que o mercado caminhe de forma mais calma e dê ao agricultor mais estabilidade e segurança para planejar a próxima safra. A avaliação é do analista norte-americano Jack Scoville, vice-presidente do Price Furures Group, de Chicago. Scoville afirma que as perspectivas de preço para o próximo ciclo são favoráveis e que os índices devem se firmar em patamares elevados a partir de agora. Alerta, contudo, que isso não significa

necessariamente margens mais folgadas para o campo. Segundo ele, os custos de produção também tendem a se estabilizar em médias superiores à histórica. “O atual período de extrema volatilidade vai começar a diminuir e teremos preços elevados para todos os produtos agrícolas. Mas também precisaremos de mais dinheiro para produzir. Isso quer dizer que a vida vai retornar a um padrão mais estável e o mundo vai começar a crescer novamente de uma forma mais sustentável”, declara. Apesar de acreditar em um mercado fortalecido para a safra 2011/ 12, Scoville aconselha os produtores brasileiros a vender parte da produção com antecedência para

aproveitar os bons preços atuais e cobrir os custos de produção. “Vinte e cinco por cento da safra seria um bom porcentual para fixar, principalmente no caso da soja”, recomenda. Para ele, as perspectivas são mais favoráveis para o milho do que para a oleaginosa. Na sua avaliação do especialista, os preços da oleaginosa devem oscilar entre uma mínima de US$ 10,50 e máxima de US$ 15,50 o bushel (27,2 quilos), na Bolsa de Chicago ao longo da temporada 2011/ 12. “Entre US$ 13,50 e US$ 14,00 seria um bom preço para vender”, calcula. Já as cotações do milho, afirma Scoville, devem permanecer sustentadas entre US$ 7,50 e US$ 8,00 o bushel (25,4 quilos).

Carlos Francisco Geesdorf* O PRODUTO SUÍNO É IMPORTANTE PARA O PAÍS? Somos responsáveis por produzir quase 3,3 milhões de toneladas de carne suína por ano e somos o quarto produtor e exportador mundial. Só em 2010 foram 540 mil toneladas exportadas e não exportamos mais por não ter um leque maior de compradores. Abrimos aqui um parênteses para usar as palavras ditas por todo o mundo afora, inclusive pela ONU: “O Brasil é o celeiro do mundo, o consumo de alimentos e principalmente proteína animal aumentará em 50% até 2050 e o Brasil será o responsável por suprir em pelo menos 50% desta demanda mundial”, outros já dizem “O Brasil tem a responsabilidade de diminuir a fome no mundo”. Geramos em 2010 uma receita de US$ 1,4 bilhão para o Brasil, com a exportação de carne suína. Vocês sabiam que a carne gera ao Brasil US$ 11 bilhões por ano? E que emprega mais de quatro milhões de pessoas? O que corresponde a quatro vezes o total empregado por toda cadeia automotiva do país (carros, ônibus e caminhões). No entanto, apesar de todo este quadro, o suinocultor está quebrado ou quebrando, sabem por quê? Porque os dirigentes deste país acham melhor, não sei por qual razão, exportar milho e soja, ao invés de transformar estes grãos em carne, diminuindo o custo de produção e agregando valor ao produto à carne suína. Daqui a pouco ou não haverá mais produção de suínos ou não conseguiremos mais exportar, porque nosso preço não será mais competitivo no mercado internacional. É claro que o produtor de milho tem que ganhar, mas será que está ganhando? O milho subiu nos últimos 12 meses, em média, 90%. Será que o produtor viu este lucro, ou foram mais uma vez os agiotas do mercado financeiro, os grandes conglomerados, os atravessadores que ganharam? Você sabia que ao estar comendo um pedaço de carne suína: um salame, linguiça, presunto ou mortadela, quem produziu isso, que levou 150 dias para ficar pronto, que levantou de madrugada várias vezes em pleno inverno, sábado, domingo, natal, ano novo, está perdendo, aproximadamente, R$ 60 por suíno produzido? Você seria capaz de comprar arroz, feijão, carne, legumes, verduras, fazer um prato, que custaria, digamos, R$ 5 e vender por R$ 2? Todos te chamariam de louco, mas é isso que acontece com o suinocultor hoje. Agora eu pergunto, quem está ficando com o lucro? Caro leitor, você viu o preço da carne, da mortadela, do presunto ou linguiça baixar em algum lugar? Quando a crise mundial afetou a economia e o complexo automotivo entrou em crise e ameaçou desempregar pessoas, o que o governo fez? Retirou os impostos, aumentou o crédito, salvou o país. Pergunto de novo: uma atividade que emprega quatro vezes mais, que alimenta o país, pode quebrar? Ela é menos importante que uma montadora de automóveis? Nós comemos carro? Então, por que este governo não faz a sua parte, por que não baixa a carga tributária da mão de obra rural, por que não estanca esta sangria desatada das exportações de grãos e garante o preço mínimo para a carne suína? Por que não cria o seguro de quebra de exportação e subsidia o suinocultor como a Europa, os Estados Unidos e o Canadá fizeram durante a crise econômica de 2008/ 2009 e que sempre fazem quando há dificuldades de mercado? Por que a carne suína não é colocada na merenda escolar, nos presídios, nos quartéis, nos hospitais, no Fome Zero? Por que não temos uma rede de estocagem de grãos que garanta ao produtor a quantidade necessária e a estabilidade de preços? Lembre-se, quando estiver comendo o seu sanduíche de mortadela ou presunto, aproveite, pode ser o último. Espero que o suinocultor também não seja culpado, no fim de tudo, por deixar o mundo passar fome. * Presidente da Associação Paranaense de Suinocultores (APS)


SEXTA-FEIRA, 03 DE JUNHO DE 2011

AGRONEGÓCIO

O PRESENTE | 19

PROIBIÇÃO RUSSA

Empresas querem reverter embargo antes do seu início Arquivo/OP

Rússia proibirá, par tir do dia 16, impor tação de carne de 85 frigoríficos. Grandes empresas estão na lista. Da região constam Copagril, C.Vale, Lar, Frimesa, Globo Aves e Sadia

O

governo russo anunciou on tem (02) que vai barrar, a partir do próximo dia 15, a compra de produtos de 85 unidades de processamento de carnes do Brasil, medida que surpreendeu representantes do setor no Brasil e agravou a disputa comercial entre os países envolvendo as carnes. A medida atinge a compra de carnes de 23 unidades processadoras do Estado de Mato Grosso, 16 delas produtoras de carne bovina; de 27 do Rio Grande do Sul, das quais dez produzem carne de frango; e de 39 no Paraná, das quais 16 de carne de frango e 11 de carne suína. O presidente da Associação Brasileira da Indústria Produtora e Exportadora de Carne Suína (Abipecs), Pedro de Camargo Neto, confia em uma solução favorável. “O embargo tem uma data para acontecer e é dia 15 de junho. Espero que o Ministério (da Agricultura), com o qual já entrei em contato, resolva essa situação até lá”, disse o executivo. O Ministério de Agricultura anunciou que uma missão vai a Moscou na segunda quinzena do mês para discutir com autoridades russas a proibição da entrada de carnes brasileiras. Atualmente, o Brasil é um dos principais provedores de carne à Rússia, com 35% das importações de carne de porco, 45% da bovina e 19% da carne de aves, segundo os dados do Instituto de Marketing Agrícola de Rússia. Antes de a proibição ser ditada, havia 236 empresas brasileiras exportando carne à Rússia.

REVERSÃO De acordo com o titular da Secretaria de Defesa Agropecuária do Mapa, Francisco Jardim, na segunda-feira (06) será realizada reunião com os presidentes de todas as empresas exportadoras de carne do Brasil e respectivas associações, com a participação de representantes do ministério das Relações Exteriores, para avaliar o impacto da medida. “Causa estranheza o fato de as medidas terem sido anunciadas sem consistência técnica. Isso reforça a sensação de que existem outras motivações para a decisão russa, além das questões técnicas alegadas”, destaca Jardim. Conforme disse o gerente de Mercados da União Brasileira de Avicultura (Ubabef), Adriano Zerbini, à reportagem de O Presente ontem, os esforços agora são para que o embargo russo nem mesmo seja levado a efeito. “Não há consistência téc-

nica para essa proibição, é muito genérica e sem razão específica, por isso fomos pegos de surpresa, assim como os 150 países que compram carne brasileira”, afirma ele, segundo o qual, a determinação russa é preocupante, porque outros fatores é que estão motivando e não definitivamente o sanitário. “Temos total segurança dos processos nas indústrias brasileiras”, reforça. Mesmo com a reação imediata do governo brasileiro e empresas e entidades de representação, Zerbini expõe que o embargo anunciado provoca um clima de insegurança no mercado. Ele afirma que a medida tomada pela Rússia não se compara a qualquer situação já ocorrida no comércio de carnes do Brasil com outros países. “São muitas plantas e todas do mais alto padrão. Então, o caso é realmente grave”, pontua.

FRIGORÍFICOS A medida da Rússia atinge importantes frigoríficos brasileiros, como da BRF Brasil Foods, JBS, Marfrig, Aurora, Sadia e Doux Frangosul. Indústrias localizadas no Oeste do Paraná também foram incluídas na lista, como a Unidade de Aves da Copagril (Marechal Cândido Rondon), C.Vale (Palotina), Lar (Medianeira), Frimesa (Medianeira) e Globo Aves (Cascavel). Confira no site de O Presente (www.opresente.com.br) a lista completa. A Rússia é um importante mercado para as exportações brasileiras de carne de frango. Em 2010, foram exportadas 144,3 mil toneladas, com receita de US$ 249,5 milhões. Até abril deste ano, a Rússia importou 29,7 mil toneladas de frango brasileiro, com receita de US$ 53 milhões.

POSICIONAMENTO Dirigentes de frigoríficos da região foram procurados pela reportagem deste diário, ontem (02), para falar sobre o assunto. No entanto, praticamente todos preferem aguardar a repercussão da medida da Rússia e sobre a confirmação ou não da ação antes de se pronunciar. Já o diretor-presidente da Cooperativa Agroindustrial Lar, Irineo da Costa Rodrigues, adianta que o que está havendo é algo considerado normal no mercado externo. “Quando se quer forçar uma baixa nos preços, logo se inventam problemas sanitários. A China faz isso quando quer diminuir o valor dos grãos, a Rússia eventualmente para equilibrar a balança de pagamento ou para fazer alguma restrição para negociar uma troca de produto. Enfim, inventam coisas para barrar os produtos brasileiros. Essas são chamadas as barreiras não tarifárias, às vezes alegam problema sanitário, ou ambiental, mão de obra escassa...”, argumenta. De acordo com o diretor-presidente da Lar, essas ações já são comuns no mercado externo. “Infelizmente o mercado externo não é transparente e vivemos de sobressaltos, como está agora o mercado entre Brasil e Argentina. Por algumas pendengas um limita, outro barra, outro tarifa”, aponta.

Diretor-presidente da Lar, Irineo da Costa Rodrigues: “Infelizmente o mercado externo não é transparente e vivemos de sobressaltos”

Rodrigues comenta que atualmente a Lar não está exportando para a Rússia, por isso o embargo não pegou a empresa de surpresa e não atrapalha os negócios comerciais da cooperativa. “O nosso principal mercado é a Europa, depois Japão, e depois vêm dezenas de países, entre eles a Rússia”, afirma. A Frimesa é outro empreendimento que

não tem em seu mercado externo a Rússia como destino. A indústria exporta somente 3% da produção. Já a assessoria de imprensa da C.Vale informou que, apesar de o frigorífico estar habilitado para vender seus produtos para a Rússia, a empresa não possui relações comerciais com aquele país e, portanto, o embargo não afeta seu trabalho.

Suinocultores do Sul já estudam redução de plantel O embargo russo anunciado ontem (02) e o anterior, no mês de abril, com restrições a plantas frigoríficas de suínos está refletindo no setor. Lideranças querem ser pró-ativas para evitar que o problema alcance os produtores. Suinocultores independentes (não integrados) e proprietários de mini-integradoras dos três Estados do Sul (Santa Catarina, Paraná e Rio Grande do Sul) estiveram reunidos na terça-feira (1º) para debater uma série de providências visando à minimização das dificuldades que o setor suinícola está enfrentando nos últimos meses. A importância do encontro está representada pelo grupo de produtores presentes que, juntos, são responsáveis por ofertar no mercado mais dez mil suínos por dia, ligados diretamente a mais de seis mil famílias em 100 municípios da região Sul. Entre as medidas sugeridas está a redução de plantel, ou seja, uma diminuição de 10% das matrizes alojadas; a diminuição na oferta de suínos para abate, buscando com isso aumentar a demanda e equilibrar a balança comercial e o estabelecimento de um preço mínimo de comercialização nos Estados, decretando que nenhum produtor irá vender abaixo do valor comercializado neste dia. Outra reivindicação do grupo é a liberação de milho da Conab, em modalidade balcão a preço subsidiado (prêmio) para os suinocultores dos três Estados do Sul, que hoje está sendo vendido a R$ 28 na maioria das cidades da região Sul. Os presidentes das associações de criadores de suínos do Paraná (APS), Santa Catarina (ACCS) e do Rio Grande do Sul (ACSURS) atribuem a medida adotada pela Rússia como protecionismo, para equalizar preços e negociar outros produtos. Divulgação

Divulgação

Lideranças reunidas para discutir dificuldades no setor suinícola


POLICIAL

20 | O PRESENTE

SEXTA-FEIRA, 03 DE JUNHO DE 2011

LINHA GLÓRIA - SÃO ROQUE

Rapaz morre em acidente com moto no interior de Rondon O Presente

Gilsinei Aparecido Domingues Sutil conduzia uma moto 225 CC, quando ocorreu o acidente. Ele chegou a ser socorrido, mas não resistiu aos ferimentos

Homem que matou idoso em Guaíra é preso de novo

G

ilsinei Aparecido Domingues Sutil, 27 anos, morreu na manhã de ontem (02) na Unidade de Saúde 24 Horas, de Marechal Cândido Rondon, após ter sido vítima de um acidente por volta das 07h30 na estrada que liga a Linha Glória e o distrito de São Roque, interior do município. Ele era condutor da moto TDM 225, placa AIK-0786, e tinha como caroneiro Edmar Pacheco. A moto bateu contra o Gol placas CXY-2036, conduzido pelo universitário Fernando Jorge Seide, 21 anos, morador na Linha Glória. Fernando estaria indo para a Unioeste, quando ocorreu o acidente. Para a polícia ele contou que numa curva fechada avistou duas motos, em fila dupla, vindo no sen-

Veículos bateram de frente em estrada de chão

tido contrário ao seu. Uma das motos passou pelo Gol, a outra, porém, bateu de frente com o automóvel. Os dois ocupantes da moto foram encaminhados para atendimento, sendo que o caroneiro já havia sido liberado na tarde de ontem, enquanto o corpo de Gilsinei, que morava em Luz Marina, São Pedro do Iguaçu, foi transportado até o Instituto

Médico Legal de Toledo. A polícia ainda vai ouvir o caroneiro da moto para que ele possa dar sua versão sobre o acidente. O universitário contou que a moto estava na contramão e que ele não conseguiu evitar a colisão. O teste do etilômetro não acusou presença de álcool no organismo de Fernando.

Ademir Carraro, 31 anos, que havia sido preso no último dia 12 de abril, por força de um mandado de prisão expedido por causa de uma tentativa de homicídio, foi preso novamente ontem (02) na Vila Santa Clara, pela Polícia Civil de Guaíra, agora pela acusação de homicídio. Ele havia confessado, na primeira vez em que foi preso, ser o autor da morte do idoso Noel dos Santos, 63 anos. O crime ocorreu no último dia 11 de abril, na casa da vítima, na Rua Pernambuco, em Guaíra. A vítima foi morta com vários golpes de faca. Ademir, que era

vizinho da vítima, disse que costumeiramente consumia bebida alcoólica com o idoso. No dia do crime, Ademir disse que estava sob efeito de álcool e, por motivo fútil, desentendeu-se com a vítima e a matou com facadas. No dia seguinte ao crime, quando o corpo foi descoberto, o acusado foi encaminhado para a delegacia e, por força de ordem judicial pela tentativa de homicídio, ficou recolhido. No processo referente à tentativa, Ademir conseguiu liberdade, porém, sua prisão foi decretada novamente agora por causa do homicídio do idoso.

Autor de assalto em joalheria é “preso” pelo GDE de Toledo

Divulgação

PF encontra depósito de cigarro em Mercedes Divulgação

Cigarro encontrado num depósito localizado num sítio na Vila Três Irmãs, próximo à margem do Rio Guaçu

Uma carga de cigarro avaliada em cerca de R$ 125 mil foi apreendida pela Polícia Federal na quartafeira (1º), na zona rural de Merce-

Divulgação

des. As cerca de 250 caixas de cigarro estavam num depósito, localizado num sítio na Vila Três Irmãs, próximo à margem do Rio Guaçu. O

proprietário do sítio foi conduzido à Delegacia de Polícia Federal em Guaíra. A mercadoria foi entregue à Receita Federal. De acordo com a Polícia Federal, até o início deste mês os agentes da Delegacia de Guaíra apreenderam cerca de 17,3 mil caixas de cigarros, o equivalente a 865 mil pacotes de cigarro. Em valores, o total apreendido fica em aproximadamente R$ 8,5 milhões. Os principais destinos do cigarro são os Estados de São Paulo, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul e da região nordeste. Este ano, ainda, os policiais apreenderam 28 barcos, 37 caminhões e 144 veículos, sendo que a maioria era usada no contrabando e tráfico de drogas.

20 VEÍCULOS Vinte veículos, mercadorias e duas embarcações foram apreendidos em operação realizada pela Polícia e Receita Federal de Foz do Iguaçu e Força Nacional, nesta semana. Dos 20 veículos, 17 foram apreendidos em Foz do Iguaçu e três em Céu Azul, carregados com mercadorias. Os automóveis em Céu Azul estavam no interior de um depósito. Cerca de 300 caixas de cigarros estavam no local. As duas embarcações foram encontradas às margens do Rio Paraná, próximo ao Jardim Jupira, em Foz. Elas eram utilizadas no transporte de roupas e eletrônicos. Os pilotos fugiram. A polícia estima que o total das apreensões some US$ 500 mil.

Produtos que haviam sido roubados foram recuperados

Um adolescente de 17 anos foi apreendido por agentes do Grupo de Diligências Especiais (GDE) da Polícia Civil (PC) de Toledo ontem (02), acusado de ser o autor do assalto numa joalheria ocorrido na manhã de terça-feira (1º). Após o assalto, segundo o delegado Edgar Santana, a polícia recebeu uma denúncia e o GDE foi para o endereço apontado pelo denunciante. Na casa do menor os policiais encontraram praticamente todo o produto do roubo, que estava escondido embaixo de um colchão. O menor então confessou o assalto e disse que não usou arma no crime. Alguns relógios foram vendidos pelo menor para duas pessoas, na Vila Pioneiro. As duas

foram encontradas e encaminhadas para a sede da Polícia Civil, junto com os objetos roubados que foram encontrados na posse dos mesmos. Elas devem responder por receptação. O menor já havia praticado, pelo menos, outros dois assaltos.

O ASSALTO O assalto ocorreu por volta da 11h15, quando um jovem entrou numa joalheria na Vila Pioneiro, se passando por cliente. Assim que percebeu que estava sozinho com a atendente, ele a rendeu, sob grave ameaça, e anunciou o roubo. O elemento roubou aproximadamente R$ 7 mil em joias, relógios, pulseiras, brincos e anéis.

Ameaçada Um elemento moreno, magro, com costeleta rala e uma moto ameaçou uma mulher na noite de quarta-feira (1º), em Marechal Cândido Rondon. A mulher transitava com um Gol pela Avenida Rio Grande do Sul, quando o elemento, andando pela contramão, a abordou com uma arma e mandou ela parar. O suspeito teria dito “seu desgraçado”, dando a entender que tinha confundido a mulher com um homem. A vítima arrancou o carro e fugiu. O motociclista não foi mais localizado.


POLICIAL

SEXTA-FEIRA, 03 DE JUNHO DE 2011

O PRESENTE | 21

TOLEDO

Pai é preso acusado de abusar de filhas menores Adolescente já estaria sendo abusada há cerca de quatro anos e criança teria começado a ser molestada há pouco tempo. Menores e exames confirmaram o crime

U

m homem de 43 anos foi preso nesta semana pela Polícia Civil de Toledo suspeito de ter abusado sexualmente de suas duas filhas, uma criança e uma adolescente. Exame no Instituto Médi-

co Legal (IML) de Toledo confirmaram a violência contra as meninas. A adolescente já estaria sendo violentada pelo pai há quatro anos e os abusos contra a criança tinham começado há pouco tempo. O caso foi descoberto por uma psicóloga que atendeu a adolescente na instituição de ensino em que ela estuda. O Ministério Público foi acionado e também a Polícia Civil. O pai nega ter cometido os abusos. Ele diz que o médico legista errou nos exames. O homem, por medida de segurança, foi transferido de Toledo para uma delegacia da região. De acordo com o delegado Edgar Dias Santana, durante as investigações, foi confirmado que “o pai estava molestando as

próprias filhas”. O crime ocorria quando a mãe das meninas estava fora de casa, trabalhando. As vítimas confirmaram a violência e disseram que eram ameaçadas para não denunciarem o crime. A adolescente disse que o pai não permitia que ela saísse de casa e mantinha relação sexual com ela sem camisinha. O homem só parou de abusar da filha maior quando começou a violência com a menor. Já a criança disse que não gosta do pai, pois o mesmo introduzia o dedo em sua genitália, mesmo ela sentindo dor e pedindo para ele parar; mandava ela fazer sexo oral nele; subia em cima dela para manter relação e a beijava na boca. A mãe foi ouvida e disse não ter conhecimento dos fatos.

Bragadense contesta denúncia de omissão de socorro em acidente A Polícia Civil (PC) de São Miguel do Iguaçu instaurou inquérito em desfavor do empresário Luiz Grando, de Pato Bragado, para apurar notícia de lesão corporal e omissão de socorro. O empresário diz que a denúncia não tem fundamento. Os fatos ocorreram no início da noite do último dia 21, na Rua Marechal Cândido Rondon, no centro de São Miguel do Iguaçu, onde o pedestre João Paulo Ferreira da Silva, 30 anos, foi atropelado pela Silverado placas ASV-6200, conduzida por Grando. No acidente, o pedestre sofreu fratura no braço esquerdo, que teria sido atingido pelo retrovisor da Silverado. Em suma, a vítima disse à polícia que estava indo para igreja com familiares quando a Silverado, em alta velocidade, desviou do sobrinho que estava

com ela, mas a atingiu. Depois, o condutor teria evadido-se do local do acidente com o veículo. João desmaiou e foi socorrido pelo Siate. A polícia foi avisada e localizou Luiz Grando, identificado como condutor do veículo.

CONTESTAÇÃO

O bragadense contestou as afirmações da vítima, embora tenha assumido ser o autor do atropelamento. Grando disse, em resumo, que estava em velocidade baixa. Ele contou à polícia que no momento do acidente um veículo transitava no sentido contrário ao dele, com luz alta, ofuscando sua visão. O empresário disse que viu algumas pessoas em movimento pela “borda” da rua, que não tem acostamento nem calçada para pedestre. Grando relatou que o

Morto durante fuga No início da tarde de ontem (02), uma perseguição a quatro elementos que roubaram o Elba placas CHB-6577, em Céu Azul, resultou em um deles morto pela polícia. Eles fugiram em direção a Matelândia, mas, cercados por policiais civis e militares das duas cidades e de Ramilândia, perderam o controle do veículo e colidiram em uma pedra da estrada em Agro Cafeeira, distrito de Matelândia. Ao descer do carro, eles começaram atirar contra os policiais, que revidaram. Maicon Rosano Stonberg, 21 anos, foi ferido. Ele chegou a ser socorrido, mas morreu a caminho do hospital. O restante do grupo fugiu em meio a um matagal, contudo, foi preso horas depois. O veículo foi recuperado e estava carregado de cigarros do Paraguai. Uma

pedestre invadiu a pista, o que ocasionou o acidente. O bragadense afirma que parou perto do local do acidente e então ligou para um conhecido para que a polícia e o Corpo de Bombeiros fossem acionados. Grando diz ter ficado nas imediações do acidente até que a vítima fosse socorrida. Após a vítima ser socorrida, Grando declarou que foi até a Polícia Militar da cidade e se apresentou. No local, o empresário disse ter escutado que populares disseram que iam pegar o motorista do acidente e queimar o veículo do mesmo. Grando fez o teste com o etilômetro, que não apontou presença de álcool em seu organismo. Após ser ouvido, Grando foi liberado e continua respondendo o procedimento instaurado pela polícia.

GDE e 197 derrubam terceira boca de fumo em Guaíra Divulgação

Foi a terceira apreensão de droga realizada nesta semana pelo GDE de Guaíra

Mais dois investigados pela Polícia Civil (PC) de Guaíra por tráfico foram presos ontem (02) pelo Grupo de Diligências Especiais (GDE) da cidade. Rodrigo Ribeiro Teodoro, o Grilo, 25 anos, e Lusivalda Rodrigues Alves, 36 anos, foram presos em flagrante. De acordo com o superintendente da PC, Ronaldo Medina, as prisões ocorreram durante cumprimento de mandado de busca e apreensão na residência dos investigados, na Rua José Venâncio, no Bairro Tancredo Neves (BNH 3). Na casa os policiais encontraram 21 pedras de crack, 40 gramas de maconha, três celula-

res, sete chips de celulares e R$ 103 em moedas e cédulas de baixo valor. Eles chegaram até os suspeitos a partir de denúncias feitas pelo 197. Na terça-feira (31) os policiais do GDE já haviam fechado duas bocas de fumo e prendido três pessoas por tráfico. Nas buscas foram presos Odila Ferreira Martins, 44 anos, Carlos Alexandre Ferreira Martins, 18 anos, e Divina Maria de Jesus Ferreira, 43 anos, e, ainda, apreendidos cinco gramas de crack, dinheiro, uma bucha de cocaína e celulares. Estes dois pontos também haviam sido denunciados pelo 197.

SEIS TONELADAS Diário de Guarapuava

espingarda de pressão adaptada para calibre 22 e um revólver calibre 38 foram apreendidos. Maicon tinha contra ele quatro mandados judiciais de prisão por tráfico de drogas e roubo.

Pé de maconha Três menores, de 15, 16 e 17 anos, e dois maiores, de 20 e 26 anos, foram encaminhados para a Delegacia de Polícia Civil de Palotina na quarta-feira (1º), por policiais militares do município. Os servidores tinham sido informados que um grupo consumia droga próximo ao pavilhão do Bairro Pôr do Sol. No local foram encontrados os adolescentes de 16 e 15 anos, os maiores e um cigarro de maconha. Após, os policiais foram até a casa do adolescente de 17 anos, onde encontraram um pé de maconha destruído.

A Polícia Federal de Guarapuava apreendeu ontem (02) cerca de seis toneladas de maconha. De acordo com informações obtidas pelo Diário de Guarapuava, a apreensão ocorreu depois que os policiais da cidade receberam denúncia de colegas de Foz do Iguaçu. A droga foi encontrada em um depósito e numa mata localizados numa chácara na localidade de Guará, interior de Guarapuava. Duas pessoas foram presas. A polícia ainda encontrou munição para fuzil calibre 762.


ESPORTES

22 | O PRESENTE

SEXTA-FEIRA, 03 DE JUNHO DE 2011

PARANÁ

2ª etapa dos Jogos Escolares começa hoje com 4 mil atletas Hoje (03) será o dia da chegada das delegações nas 16 sedes dos Jogos e de solenidade de aber tura, por volta das 19h30

A

segunda etapa da fase regional dos 58º Jogos Escolares do Paraná (JEPs) começa hoje (03) e vai até quinta-feira (09), com a participação de aproximadamente 25 mil alunos. Hoje será o dia da chegada das delegações nas 16 sedes dos Jogos e de solenidade de abertura, por volta das 19h30. As disputas terão início amanhã (04) nas modalidades de atletismo, basquete, futebol, futsal, handebol, tênis de mesa vôlei, vôlei de praia e xadrez. Na região, os Jogos acontecem nas sedes de Itaipulândia (Núcleo de Foz do Iguaçu) e Umuarama (Toledo).

CLASSIFICADOS

Da primeira etapa, com cerca de 30 mil participantes, dis-

putada de 20 a 26 de maio, em 16 núcleos também, foram classificados mais de quatro mil alunos para esta fase. Das modalidades coletivas na primeira etapa só os campeões passam de fase, nas quatro categorias: Feminino A (15 a 17 anos), Feminino B (12 a 14 anos) e Masculino A e B. No atletismo também só os campeões por provas e categorias seguirão na competição. Já no tênis de mesa e xadrez continuam na disputa os dois primeiros por provas e categorias - individuais e duplas no tênis de mesa, e relâmpago, rápido e convencional no xadrez. Para os alunos com Necessidades Educacionais Especiais (NEE) só duas modalidades entram na fase regional: atletismo e futsal.

ATLETISMO E VÔLEI

Na fase regional dos Jogos Escolares do Paraná os classificados no atletismo e vôlei de praia vão direto para a fase final, no Núcleo de Educação de Ponta Grossa (o atletismo será em Curitiba), de 02 a 10 de julho. Os das outras modalidades ainda vão

passar por uma nova seleção, na fase macrorregional, de 16 a 21 de junho, em oito sedes.

SEM REGIONAL

Direto para a final, sem participar da regional e macro, entram os atletas de ciclismo, ginástica rítmica, judô, natação e taekwondo, no ensino regular, bem como os campeões das coletivas no ano passado. Já os alunos especiais que entram direto na final são das modalidades de basquete, bocha, goalball, judô, natação, tênis de mesa e xadrez. Os representantes das cidades-sedes das fases macrorregional e final também terão classificação automática nas fases anteriores, menos nas modalidades de atletismo e vôlei de praia. Os vencedores da fase final dos Jogos Escolares representarão o Paraná nas Olimpíadas Escolares Brasileiras, em João Pessoa, Paraíba, de 09 a 18 de setembro, para os alunos de 12 a 14 anos, e em Londrina, de 02 a 11 de dezembro, para os alunos de 15 a 17 anos.

Brasil enfrenta Romênia no Torneio da China

Divulgação

Brasil e Romênia se enfrentam hoje (03) no encerramento da terceira rodada do Torneio da China. O confronto ocorre na Dragon Sports Arena, em Hangzhou, na China, às 10 horas (horário de Brasília). Com três pontos na competição, os hexacampeões mundiais tentam manter o 100% de aproveitamento. Após o triunfo diante dos iranianos, por 3 a 1, a expectativa é de outro jogo complicado diante dos romenos. “Esperamos mais um jogo difícil, como foi a estreia, e é preciso que se encare assim. Temos que estar focados do início ao final da partida para evitar surpresas. No primeiro confronto, jogamos bem, mas estávamos um pouco travados, podemos melhorar ainda mais”, comentou o goleiro Djony. Djony ganha a oportunidade após a expulsão de Léo Oliveira, da Copagril/Faville/DalPonte/Marechal Cândido Rondon, ainda no primeiro tempo do jogo diante do Irã. Ele garante que o peso de ser o único goleiro relacionado para o confronto de hoje não será um peso. “Entrei no jogo passado tranquilo,

Aquino fica fora da final por “movimento de cotovelada”

Albari Rosa

Anderson Aquino dá autógrafo no saguão do aeroporto do Rio: tristeza por estar fora da finalíssima

O atacante Anderson Aquino recebeu o único cartão amarelo da primeira partida decisiva da Copa do Brasil entre Coritiba e Vasco, na quarta-feira (1°), em São Januário. Justo ele, que estava pendurado com duas advertências. E em um lance polêmico, no qual a falta parecia ser a favor do Coxa. A consequência será não disputar a partida decisiva, na próxima quarta-feira (07), no Couto Pereira. Para substituí-lo, o técnico Marcelo Oliveira pode promover o retorno de Marcos Aurélio, que se recupera de lesão. Caso ainda não possa contar com o jogador, Geraldo, Éverton Ribeiro e Leonardo são as opções. “Falei para o árbitro (Paulo César Oliveira): ‘você me tirou da final’. Ele até ficou meio constrangido na hora,

não sabia o que dizer”, contou Aquino, punido por uma “movimentação de cotovelada”. “Foi isso o que ele me explicou. Não deu para entender. Achei que iria dar a falta para a gente. Se fosse uma cotovelada, na verdade teria de me expulsar”, protestou. Ele lança mão de seu histórico para se defender. “Na verdade não houve movimento nenhum. Nunca dei uma cotovelada na minha vida. Por que iria dar agora?”, questionou. Já conformado com a ausência, Aquino diz acreditar na força do time jogando em casa para reverter a vantagem obtida pelo Vasco no Rio. “Estou triste por não poder ajudar. Mas muito confiante. Somos muito fortes no Couto. A nossa média de gols nos credencia a conquistar esse título”, conclui.

6ª COPA DE GR

Na quarta-feira (1º), Brasil estreou com vitória contra o Irã

e isto é algo que busco sempre, pois isto ajuda o elenco. Diante da Romênia estarei bem concentrado. Sei que vai ser um jogo difícil, mas tenho confiança de que terei uma boa atuação”, declarou. Djony espera que o time siga crescendo dentro do Torneio da China. “O grupo tem muita qualidade. Temos aqui alguns dos melhores jogadores da Liga Futsal e, apesar da pouca idade de alguns atletas que estão aqui, muitos já estão acostumados em disputar gran-

des jogos. Todos querem mostrar trabalho para causar a dúvida no Marcos Sorato para a disputa da Copa do Mundo de Futsal”, destacou. Além da Romênia, o Brasil ainda terá pela frente na competição outros dois adversários: Japão e China, respectivamente amanhã (04) e no domingo (05). De acordo com o regulamento da competição, aquele país que somar um maior número de pontos ao final dos confrontos entre todos, em turno único, leva o título.

Ao todo, 47 atletas, representantes de Toledo, Marechal Cândido Rondon, Matelândia e Cascavel participaram em Toledo, no final de semana, da primeira etapa da 6ª Copa Oeste de Ginástica Rítmica. A competição é realizada todos os anos, dividida em várias etapas, e visa preparar as atletas para disputas de maior porte, como competições estaduais e nacionais, além de incentivar as atletas a continuar treinando. As atletas que conquistaram os primeiros lugares são as seguintes: Angélica Kvieczynski (Adulto Federadas), Kaoanna Teixeira (Infantil Federadas), Bruna Morais (Juvenil Federadas), Rafaela Silva (PréInfantil Federadas) e Tainá Mich (Pré-Infantil Não Federadas).

Seletiva para a Seleção Duas medalhas foram conquistadas por Sidnei Dzidnzik no 2º Campeonato Brasileiro Interclube de Taekwondo, realizado no final do mês passado, em Itabira (MG). Cerca de 400 atletas participaram da competição. Sidnei representou Palotina e conquistou o 3º lugar na luta e 2º no poomse. De acordo com ele, o campeonato foi uma seletiva para formar a Seleção Brasileira de Taekwondo e para o Mundial de poonse que neste ano acontece na Rússia. O atleta tem apoio da Secretaria de Esportes de Palotina, Loja Silva, Mercado Biondo e Academia Boa Forma.


ESPORTES

SEXTA-FEIRA, 03 DE JUNHO DE 2011

O PRESENTE | 23

SELEÇÃO

Mano Menezes alimenta disputa por vaga em ataque Ricardo Matsukawa

Treinador começou treino com Leandro Damião na posição e, mais tarde, testou Fred como opção para o amistoso contra a Holanda, amanhã (04)

D

epois de uma hora de treino fechado, o téc nico Mano Menezes permitiu a entrada dos jornalistas no Estádio Serra Dourada e mostrou um esboço de time muito próximo do que o utilizado no último amistoso contra a Escócia. A maior dúvida era em relação ao ataque, e o treinador começou com Leandro Damião na posição e, mais tarde, testou Fred como opção para o amistoso contra a Holanda, amanhã (04), às 16h10, em Goiânia. O meio-campista Elano e o atacante Neymar não treinaram por terem defendido o Santos contra o Cerro Porteño na quarta-feira (1º), pela Copa Libertadores. Os santistas, que devem ser titulares contra os holandeses a menos que Mano opte por preservá-los, foram substituídos por Jadson e Anderson no time principal. Elias também foi testado no lugar do meio-campista do Manchester United. Mano já havia avisado que o fechamento de parte do treino

Fred tenta a cabeçada no treino da Seleção de ontem (02): atacante do Fluminense ganhou chance entre os titulares e disputa vaga com Leandro Damião, do Inter

tinha como objetivo ensaiar jogadas de bola parada longe das câmeras. Assim, permitiu que fosse visto o esboço do time titular com: Júlio César, Daniel Alves, Lúcio, Thiago Silva e André Santos; Lucas Leiva, Ramires, Anderson (Elias) e Jadson; Robinho e Leandro Damião (Fred).

SURPRESAS

A equipe mostra poucas surpresas em relação ao jogo contra os holandeses. A linha defensiva é exatamente a mesma, assim como a dupla de volantes Lucas Leiva e Ramires. No restante, duas mudanças: Anderson no lugar de Elano e Robinho (que ganhou um descanso contra a Escócia) na vaga de Neymar. Porém, caso os santistas treinassem, era provável a saída de Jad-

son do time. O esboço evidencia que o treinador tem a base do time titular formada e que existe uma dúvida sobre quem levar como centroavante para a Copa América. O ataque inevitavelmente terá as presenças de Robinho, Neymar e Alexandre Pato - caso ele se recupere de contusão. Nilmar treinou entre os reservas ontem (02), o que abre duas possibilidades: ou o atacante já foi testado o suficiente e está garantido, ou caiu na escala de preferência. Em ambas as interpretações, parece que Mano tem uma dúvida entre Leandro Damião e Fred. Assim, é esperado que o treinador escale os dois jogadores contra a Holanda, cada um em um tempo, para observações.

Muricy lamenta expulsão de Edu Dracena contra o Cerro A expulsão do zagueiro Edu Dracena nos minutos finais do empate com o Cerro Porteño (Paraguai), na quarta-feira (1º), deixou o técnico Muricy Ramalho chateado. Isto porque o treinador não poderá contar com o seu capitão no primeiro jogo da decisão da Libertadores, marcado para o dia 15 de junho. Lamentando a expulsão, Muricy criticou a decisão do árbitro, já que a partida estava nos acréscimos e a classificação santista para a final da competição praticamente assegurada. “Não sei o que aconteceu direito. Qualquer bola levantada na área o juiz estava dando falta. Ele estava empurrando o Cerro para cima da gente. Pela reclamação ele não expulsou porque ele não entendia nada do que a gente falava”, protestou o comandante.

Com o desfalque de Edu Dracena, Muricy Ramalho terá que recorrer, provavelmente ao zagueiro Bruno Aguiar. “O Edu vinha jogando muito bem, só que não tem jeito. Vamos trabalhar com os outros jogadores que nós temos. Vamos testar as opções que possuímos”, comentou. Além de Dracena, o técnico pode ter mais alguns problemas para escalar o Santos no primeiro confronto da final da Libertadores, principalmente nas laterais. O ala direito Jonathan voltou a apresentar dores musculares diante do Cerro e terá que ser avaliado pelo departamento médico do clube para saber se apresenta uma nova lesão. Já o lateral esquerdo Léo está se recuperando de uma contusão no tornozelo direito e a sua presença não está garantida no primeiro jogo da decisão. Ricardo Saibun

Muricy criticou árbitro do jogo contra o Cerro Porteño pela expulsão do zagueiro

Renato repete time que bateu o Atlético-PR O técnico Renato Gaúcho comandou um treino coletivo na tarde de ontem (02) e manteve o mesmo time que venceu o Atlético-PR na última rodada do Campeonato Brasileiro. A exceção foi o goleiro Victor, que está servindo a Seleção Brasileira e será substituído por Marcelo Grohe, no jogo de domingo (05) contra o

Bahia, válido pela terceira rodada do Campeonato Brasileiro. O lateral direito Gabriel, recuperado de uma lesão na coxa, começou o coletivo no time reserva e atuando no meio campo. Na segunda parte do treinamento, Gabriel passou para o time titular, no lugar de Lucio; porém, o ala não ficou até o final do Lucas Uebel

O treinador manterá a mesma equipe que bateu o Atlético-PR na Arena da Baixada

treino. Segundo o departamento médico, situação já prevista. “O Gabriel está bem, recuperado da lesão na coxa, estava previsto que ele iria sair mais cedo do coletivo para fazer manutenção no vestiário”, disse o médico gremista Felipe do Canto. O meia Marquinhos, na parte final do treinamento, também trabalhou entre os titulares e entrou na vaga de Gabriel. O time do coletivo formou com Marcelo Grohe, Mario Fernandes, Saimon, Rafael Marques e Neuton; Fábio Rochemback, Fernando, Lucio depois Gabriel e Douglas; Junior Viçosa depois Roberson e Lins. Hoje (03), o técnico Renato Gaúcho realizará um novo coletivo e o treinador deverá testar uma nova formação de time, com Gabriel na lateral direita e a possibilidade do atacante Leandro também participar do coletivo, no lugar de Lins.

Após confirmar antecipação da janela, CBF define prazo Autorizada pela Fifa, a Confederação Brasileira de Futebol confirmou a antecipação da janela de transferências internacionais para 20 de junho. Desta data até 20 de julho os clubes brasileiros poderão registrar os jogadores contratados junto a times do exterior. No ano passado, a entidade nacional também abriu a janela de transferências mais cedo que o período previsto, no início de agosto. O pedido de antecipação foi feito inicialmente pela Federação Gaúcha de Futebol (FGF), mas a medida beneficiará todos os clu-

bes que tiverem contratado algum jogador no exterior. O Grêmio poderá inscrever o volante Gilberto Silva, que estava no Panathinaikos, da Grécia, e o atacante Miralles, contratado junto ao chileno Colo Colo. O Vasco contará com a estreia do ídolo Juninho Pernambucano (exAl Gharafa) antes do previsto. O mesmo vale para o Botafogo, que contratou o cabeça de área Renato, do Sevilla, da Espanha. O meia Alex, ex-Spartak Moscou, da Rússia, também entrará em campo mais cedo para defender o Corinthians.


GERAL

24 | O PRESENTE

SEXTA-FEIRA, 03 DE JUNHO DE 2011

CURIOSIDADE

Capivara é avistada no lago municipal de Rondon Secretário garante que animal herbívoro é dócil e que não representa risco à população que frenquenta o parque

Fotos: Carina Ribeiro/OP

O

Parque de Lazer Rodolfo Rieger, conhecido popularmente como lago municipal de Marechal Cândido Rondon, acaba de ganhar um morador. Trata-se de uma capivara que foi avistada nesta semana por populares, bem como pelo próprio

O mirante, interditado, também está passando por conserto

secretário de Agricultura e Política Ambiental, Urbano Mertz. Segundo ele, o animal foi observado brevemente e costuma aparecer no início da noite na mata, nas proximidades da área de passeio público. Conforme um dos vigias do lago, existe a possibilidade de que seja um casal. De acordo com o secretário, a capivara é um animal herbívoro, dócil e que não representa risco à população que frenquenta o parque. Além disso, o Ibama orienta pela preservação. Em grandes florestas o animal é alvo de caça, no entanto, o abate da capivara é considerado um crime ambiental. O vigilante do parque relatou à reportagem de O Presente que já teve oportunidade de ver o animal se banhando no lago durante a noite. Segundo Mertz, acredita-se que a capivara possa ter sido largada por alguém ou até mesmo que tenha subido do Arroio Fundo, já que o bicho é comumente encontrado nas matas da região que beira o Lago de Itaipu. Por enquanto, nenhuma providência será tomada em relação ao herbívoro. As autoridades esperam que a população colabore para a preservação do animal.

Melhorias estão em andamento no lago municipal

MELHORIAS

Por outro lado, o secretário menciona que uma série de investimentos está sendo realizada no parque, dentre elas melhorias no piso do passeio de caminhada. “Havia várias depressões no paver, por isso estamos nivelando para melhorar as condições do local, tendo em vista o frequente uso para caminhadas e corridas”, salienta Mertz. O corte de grama e a retirada de partes da vegetação que invadiam o passeio também estão em andamento. Teve início o conserto do mirante, o qual está interditado há cerca de um mês.

ARBORIZAÇÃO

Atualmente, a secretaria estuda a criação de um novo bosque no

lago, que ficará localizado onde seria um labirinto de pingos de ouro. “Observamos que essa vegetação não vingou, por isso optamos pela retirada, que foi realizada nesta quinta-feira. No local a intenção é plantar novas árvores para servirem de sombra, tendo em vista que é grande o número de pessoas que procuram se abrigar do sol quando passeiam no parque”, explica. Outra mudança na arborização se refere aos ipês cultivados em uma das extremidades do parque. “Várias mudas não cresceram porque o solo é muito úmido. Somente vingaram as plantadas próximo do barranco”, observa Mertz. Assim, o objetivo é substituir os ipês de pequeno porte por oitis ou mesmo chorões, o que ainda está em fase de definição.


25

O PRESENTE SEXTA-FEIRA, 03 DE JUNHO DE 2011

Arquivo pessoal Arquivo pessoal

Albrecht e Rosa Helena Christmann, de Marechal Cândido Rondon, que comemoraram, no dia 1º de junho, 65 anos de casados. Homenagem dos 13 filhos

Ingret Steinmacher, que tomou posse, no dia 11 de abril, na Associação de Senhoras de Rotarianos (ASR). Aqui, recebendo flores da presidente, Marli Hansen

FEIRA DA PIZZA EM MERCEDES A Associação de Artesãos Pura Arte, de Mercedes, promove hoje (03) e amanhã (04) a tradicional Feira da pizza. Estarão à venda vários sabores, entre eles: catupiry, calabresa, moda da casa, portuguesa e chocolate preto. As fichas podem ser adquiridas na casa do artesanato, no valor de R$ 12.

PAÍS ESTÁ “CARO” E “LOTADO” Os brasileiros já sentem no seu dia a dia as “dores” do crescimento do país. Atividades cotidianas - pegar um táxi, comer num restaurante, conseguir um quarto de hotel, viajar de avião - tornaram-se verdadeiros desafios, principalmente nos grandes centros. A sensação das pessoas é de que o Brasil está “caro” e “lotado”. A situação é um reflexo do avanço da economia e do mais baixo nível de desemprego dos últimos 20 anos. Desde 2003, o Produto Interno Bruto (PIB) do país cresce, em média, 4% ao ano. A demanda por serviços superou a oferta e a consequência foi a superlotação e a alta dos preços. Nos últimos 12 meses, comer fora de casa ficou 12,7% mais caro, estacionar o carro subiu 10,9%, a mensalidade da escola das crianças aumentou 9,1%, o aluguel subiu 9,9% e a consulta do médico pesa 10,4% mais no orçamento, revela cálculo da Quest.

SP: A SEXTA EM NÚMERO DE BILIONÁRIOS São Paulo não tem o glamour de Los Angeles, mas isso não impede que a cidade abrigue mais bilionários do que a maior cidade da Califórnia. Segundo ranking da revista Forbes, São Paulo concentra 21 magnatas em suas ruas e divide com Mumbai, na Índia a sexta colocação entre as cidades com maior número de bilionários. Esses brasileiros do topo da pirâmide econômica têm um patrimônio estimado em US$ 85 bilhões, enquanto os 21 indianos seguravam carteiras ainda mais recheadas, com um total de US$ 107 bilhões. Los Angeles, a cidade dos Anjos que sedia Hollywood, figura como a oitava colocada na lista divulgada pela Forbes no último dia 17.

ENERGIA LIMPA A tecnologia desenvolvida em Marechal Cândido Rondon, no Oeste, para produção de energia limpa já é divulgada em países como França, Estados Unidos, Alemanha e China. O Condomínio de Agroenergia da Linha Ajuricaba é destaque na produção de energia renovável e sustentável. A linha, que deve ser inaugurada completamente neste mês, trabalha com biodigestores e com uma microcentral termoelétrica. São 35 produtores rurais que transformam dejetos da criação de animais em energia. Divulgação Arquivo pessoal

Grupo de amigos exibindo os “troféus” de uma recente pescaria no Pantanal

A jornalista Patrícia Augsten, de Entre Rios do Oeste, que recentemente apresentou o vídeo documentário “Marcas da Infância”, de sua autoria, na 2ª Semana de Enfrentamento à Violência Contra Crianças e Adolescentes, promovida pela Universidade Estadual de Ponta Grossa


GERAL

26 | O PRESENTE

SEXTA-FEIRA, 03 DE JUNHO DE 2011

VOTAÇÃO DE MPS

Senadora petista critica atuação de líder do governo Arquivo/OP

Maioria é para ser exercida, disse Gleisi Hoffmann. “Temos que cumprir os acordos”, alegou o líder do governo, Romero Jucá

P

oucas horas após o governo ter perdido o embate com a oposição na votação de medidas provisórias no Senado, a senadora Gleisi Hoffmann (PT-PR) criticou ontem (02) o líder do governo na Casa, Romero Jucá (PMDB-RR), pelo que classificou de “condução errada” da estratégia no plenário da Casa. Na sessão encerrada já na madrugada de ontem, duas MPs perderam a validade por não terem sido aprovadas até a meia-noite de quarta (1º). Para a senadora petista, faltou a Jucá “exercer” a maioria governista na Casa. “(A perda de validade da MP) foi resultado da condução errada da liderança do governo. Entendo que ele (Jucá) queira construir um clima com a oposição na Casa, mas vamos fazer um acordo nessas condições (admitindo que MPs sejam derrubadas)? Essa Casa ainda pensa com a cabeça da legislatura passada, quando o governo (tinha maioria apertada e) precisava negociar”, afirmou Gleisi. O líder do governo na Casa disse “respeitar” a posição de Gleisi, mas justificou que cumpriu o acordo firmado entre os líderes partidários do Senado segundo o qual as MPs precisarão de, no mínimo, três sessões para serem votadas. “Temos que cumprir o regimento e os acordos feitos. Respeito a opinião da senadora Gleisi, mas discordo. Temos um entendimento com todos os partidos que

as MPs são lidas durante duas sessões e votadas na terceira sessão. Esse é o acordo e é o mínimo que podemos fazer”, argumentou Jucá. Preocupada com a importância dos temas previstos em cada uma das medidas provisórias, que tratavam de benefícios para médicos residentes e da criação de uma estatal para gerenciar hospitais universitários federais, a senadora petista defendia que Jucá utilizasse a ampla maioria governista para impor a votação das MPs já na terça (31). Na avaliação de Gleisi, a manobra sacrificaria o acordo dos líderes e o debate com a oposição, mas garantiria a aprovação das matérias. “Sou contra qualquer forma de imposição, mas maioria é para ser exercida. Não podemos nos condicionar à oposição. Se a sociedade nos colocou em maioria aqui é porque ela quer resultados”, argumentou Gleisi. A senadora petista disse que irá procurar o líder do governo para conversar sobre os procedimentos adotados no plenário e também afirmou que levará a questão ao líder do PT, Humberto Costa (PE): “Em nome de uma diplomacia (com a oposição), (a queda das MPs) acabou condenando milhares de profissionais de saúde. Esse equívoco afeta as pessoas. Foi muito ruim”, avalia.

LÍDER DO GOVERNO

Já o líder do governo no Senado disse que a base governista “fez o possível” para aprovar as matérias antes do prazo fatal, mas admitiu que a falta de tempo para discussão das matérias é um problema que, “se não for resolvido”, vai continuar provocando a queda de MPs no plenário da Casa. “O quadro é muito grave, porque o rito das MPs prejudica o Senado. Isso é unanimidade na Casa independentemente de ser oposição ou base do governo. Temos que modificar isso e tratar seriamente dessa questão na próxima

semana. MPs vão continuar caindo se chegarem, novamente, no prazo de dois, três dias para o seu vencimento”, afirmou Jucá. O prazo de tramitação das MPs no Congresso é de 120 dias. Como a Câmara dos Deputados utiliza boa parte desse tempo para debater as medidas, quando as matérias chegam ao Senado, o prazo para discussão já está praticamente esgotado. Foi o que aconteceu nesta semana, quando quatro medidas provisórias chegaram ao plenário com pouco mais de 48 horas para serem votadas.

OPOSIÇÃO

A oposição cobrou dos líderes governistas o cumprimento do acordo que prevê o mínimo de três sessões para aprovação de uma MP e foi isso que impediu a votação de todas as quatro matérias. O líder do DEM, Demóstenes Torres (GO), afirmou que a derrubada das matérias foi um protesto da oposição contra a falta de tempo para debate na Casa. “Tínhamos o regimento do nosso lado e usamos o regimento. A queda das MPs, é a prova de que precisa mudar a forma de tratar medidas. Não pode a Câmara ficar com a medida 117 dias e o Senado com três dias. Então, foi um protesto nosso de dizer que nós temos o direito de discutir”, analisou o senador do DEM. Demóstenes ainda afirmou que a oposição passará a recorrer ao Supremo Tribunal Federal, caso a base governista tente utilizar a maioria para aprovar matérias sem que o tempo de debate seja respeitado: “(A falta de tempo para o debate de MPs) É uma prova evidente de que o governo manda no Executivo. Vamos inclusive fazer oposição jurídica. Tudo aquilo que entendemos que fere a dignidade do parlamento, nós iremos ao Supremo Tribunal Federal”, finalizou.

Luiz Henrique será o relator do Código Florestal na Comissão de Agricultura O senador Luiz Henrique (PMDB-SC) deverá acumular a relatoria do projeto de lei do Código Florestal nas comissões de Constituição e Justiça e de Agricultura do Senado. A indicação do ex-governador foi confirmada na sessão de ontem (02) da Comissão de Agricultura pelo presidente Acir Gurgacz (PDT-RO). Quando governou Santa Catarina, Luiz Henrique elaborou um código florestal para o Estado e o colocou em vigor, apesar das críticas de entidades ligadas ao movimento ambientalista. Na quarta-feira (1º), Gurgacz e o

presidente da Comissão de Meio Ambiente (CMA), Rodrigo Rollemberg (PSB-DF), acertaram a realização de audiências públicas conjuntas. Audiências coletivas “produzirão debates produtivos”, diz Gurgacz. Ele espera que as duas comissões cheguem a um texto comum, deixando as divergências mais profundas para apreciação em plenário. A primeira audiência pública, com a ministra do Meio Ambiente, Izabella Teixeira, será na próxima quinta-feira (09), às 11 horas. A senadora Gleisi Hoffmann (PTPR) considerou a promoção de debates em conjunto com a Comissão de Meio Ambiente “fundamental”

Gleisi Hoffmann: “Sou contra qualquer forma de imposição, mas maioria é para ser exercida. Não podemos nos condicionar à oposição. Se a sociedade nos colocou em maioria aqui é porque ela quer resultados”

para aprovar temas comuns. O senador Blairo Maggi (PRMT) elogiou a escolha de Jorge Viana (PT-AC) para relatar a matéria na Comissão de Meio Ambiente. “Jorge Viana tem conhecimento do assunto e paciência para discuti-lo”, afirmou Maggi Ele propôs aos membros da Comissão de Agricultura que se reúnam informalmente na semana que vem para “tirar dúvidas” sobre o texto aprovado na Câmara dos Deputados. Para ele, é fundamental que a comissão trabalhe com o objetivo de “unir pensamentos para enfrentar os embates que virão de fora”.

TJ condena Requião a pagar R$ 60 mil a publicitária O Tribunal de Justiça condenou o senador Roberto Requião (PMDB) a pagar R$ 60 mil de indenização por calúnia e difamação à publicitária Cila Schulmann. A ação foi motivada por acusações feitas por Requião em reunião da escola de governo, durante seu último mandato como governador do Paraná. Na “escolinha”, Requião acusou Cila de participar de um esquema de desvio de verbas para campanha eleitoral. O governador declarou, e reafirmou em juízo quando foi depor na ação, em 2007, que, na campanha eleitoral de 2002, quando o governador Beto Richa (PSDB) concorreu ao Governo do Estado apoiado pelo

então governador Jaime Lerner, R$ 10 milhões teriam sido desviados do Departamento de Estradas e Rodagem (DER), então chefiado por José Richa Filho para a campanha de Beto, coordenada por Cila Schulmann. Recentemente, ao justificar o pedido de aposentadoria especial de ex-governador, Requião disse que utilizava os R$ 24 mil mensais para pagar as multas e condenações judiciais que lhe foram impostas por conta das denúncias que fez na “escolinha”. Desta vez, não poderá utilizar, já que sua aposentadoria foi cancelada pelo governador Beto Richa.

Comissão aprova equiparar salário de parlamentar ao de ministro do STF A Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Câmara dos Deputados aprovou em sessão de quarta-feira (1º) a equiparação entre os salários do presidente da República, vice, ministros, deputados federais, senadores e ProcuradorGeral da República (PGR) aos dos ministros do Supremo Tribunal Federal (STF), cujos subsídios são o teto do funcionalismo público. Desde o começo deste ano, os parlamentares, presidente e ministros recebem R$ 26,7 mil, o mesmo salário dos ministros do STF. No entanto, caso a PEC seja aprovada, o Congresso não mais terá de votar os reajustes. Sempre que houver aumento no STF, os salários serão reajustados automaticamente. Há uma proposta em tramitação no Congresso que eleva os salários dos ministros do STF para

R$ 30,6 mil, mas ainda não há perspectiva de votação. A Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 5/2011 foi aprovada com duas emendas, uma que esclarece que as autoridades estaduais terão salários definidos em leis estaduais e outra que incluiu o PGR entre as autoridades que receberiam o teto do funcionalismo. Após a aprovação na CCJ, a PEC será agora encaminhada à Mesa da Câmara, que vai determinar a criação de uma comissão especial para tratar do tema. Se a proposta for aprovada na comissão especial, será aberto o prazo para apresentação de emendas. Por ser proposta de emenda à Constituição, precisa ser votada em dois turnos no plenário da Casa. Em seguida, vai para o Senado e depois à promulgação.


SEXTA-FEIRA, 03 DE JUNHO DE 2011

GERAL/EDITAIS

Edição 3105 - O PRESENTE | 27

FORTALECIMENTO

Gilberto Kassab vem ao Paraná para mais filiações no PSD Par tido, que no Estado já obteve a sua quota de 50 mil assinaturas, do total de 500 mil exigidas para o registro no TSE, receberá a adesão de deputados federais, prefeitos e vereadores

O

prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab, vem a Curitiba amanhã (04) para um ato político de novas filiações ao PSD. O partido, que no Paraná já obteve a sua quota de 50 mil assinaturas, do total de 500 mil

exigidas para o registro no Tribunal Superior Eleitoral (TSE), receberá a adesão de deputados federais, prefeitos e vereadores durante almoço no restaurante Veneza, em Santa Felicidade. Já confirmado, um dos novos filiados será o deputado federal André Zacharow, que deixa o PMDB. Mas na lista das possibilidades, ou seja, com negociações ainda em curso, estão três núcleos familiares. Os irmãos Rangel, o deputado federal Alex e o deputado estadual Marcelo, que são filiados ao PPS. E a família Stephanes, o pai Reinhold, deputado federal e o filho, Junior, ambos do PMDB. O secretário de Desen-

volvimento Urbano, César Silvestri, com seu filho, deputado estadual César Silvestri Filho, também figuram entre os que estão pensando na transferência para o partido de Kassab. Os dois são filiados ao PPS. A expectativa do deputado federal Eduardo Sciarra, coordenador estadual do partido, é reunir 300 lideranças de todo o Estado. Se todas as filiações de deputados se confirmarem, o PSD irá reforçar também a bancada de vereadores, que pode chegar a 150 cadeiras, e assumir o controle de 15 a 20 prefeituras. Um dos que se filiam amanhã é o prefeito de São José dos Pinhais, Ivan Rodrigues, que anunciou sua saída do PTB

há um mês. No Estado, além de Sciarra, o PSD tem ainda o ex-deputado federal Alceni Guerra e o deputado estadual Ney Leprevost. Um dos nomes que o partido cogita atrair para suas fileiras é o ex-deputado federal Gustavo Fruet. O tucano, que busca espaços para ser candidato a prefeito de Curitiba, irá se encontrar hoje (03) com Leprevost, que cuida da estruturação do partido, na cidade. Mas as negociações com Gustavo ainda estão em fase inicial e o PSD é apenas uma das siglas com as quais o tucano está conversando neste momento sobre as eleições de 2012.

Ministro nega recurso de Jader Barbalho contra ficha limpa O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Joaquim Barbosa negou ontem (02) recurso da defesa do ex-deputado Jader Barbalho (PMDB-PA) para que ele fosse liberado da Lei da Ficha Limpa e pudesse tomar posse como senador. Mesmo barrado pela ficha limpa, Jader Barbalho obteve 1.799.762 de votos e seria eleito em segundo lugar para uma vaga no Senado. Em outubro

do ano passado, o STF decidiu que o registro de candidato do político deveria ser negado com base na lei. O peemedebista ainda pode recorrer ao plenário do Supremo e, na prática, o entendimento do ministro apenas adia uma decisão definitiva sobre a situação de Barbalho. Para pedir a liberação do peemedebista, a defesa se baseou na decisão de março deste ano que anulou os

efeitos da Lei da Ficha Limpa para as eleições de 2010. Os advogados pediram que o relator do caso revisse a decisão do plenário que negou o registro de candidato de Barbalho. Em seu voto, Barbosa explicou que já houve julgamento definitivo sobre o caso no plenário do STF e afirmou que não cabe a um ministro rever a decisão do colegiado. “Não existe previsão legal para

juízo de retratação, pelo relator, de decisão proferida pelo Plenário do Supremo Tribunal Federal”, disse o ministro. A defesa de Barbalho terá de esperar a publicação oficial da íntegra da decisão do STF, que anulou a validade da ficha limpa para 2010, e deverá recorrer ao plenário da Corte pedindo a liberação do político para tomar posse como senador.

Para triplicar banda larga, país precisaria de R$ 144 bi Para que o número de acessos à internet por meio de banda larga no país triplique até 2020, é necessário um investimento de R$ 144 bilhões. É o que mostra pesquisa divulgada ontem (02) pela Telebrasil, associação que representa as operadoras de telefonia. Sem entrar no mérito se esses recursos viriam no poder público ou do setor privado, a pesquisa mostra que com esses investimentos o número de acessos de banda larga (fixa e móvel), que hoje é de 40,9 milhões, aumentaria para 78 milhões em 2014 e chegaria a 153,6 milhões em 2020.

Caso nenhuma ação de incentivo público ou privado seja adotada, a expansão ficaria limitada a 57,3 milhões de acessos em 2014 e 93,2 milhões em 2020, segundo a Telebrasil. O levantamento mostra também que os investimentos provocariam um salto na velocidade das conexões do país. Segundo a pesquisa, a velocidade média dos acessos no Brasil, que hoje é de 1,7 megabit por segundo (Mbps), passaria para acima de 12 Mbps em 87 2% das conexões. A penetração do serviço também aumentaria substancialmente dos atuais 21,5%

para 74,2% da população em 2020. Os dados constam de um estudo intitulado “Contribuições para o

Plano Nacional de Banda Larga”, elaborado pela consultoria LCA, a pedido da Telebrasil.

Representante de jornal se passa por policial Os golpistas inventam diferentes formas de enganar suas vítimas. Mas, na quartafeira (1º), em Toledo, a Polícia Militar prendeu um homem, representante de um jornal, que se passava por policial para pedir dinheiro a comerciantes para a aquisição de bafômetros e algemas para a Polícia Militar. Segundo o Sargento Moreno, um comerciante recebeu uma ligação de uma pessoa identificada por Lopes, dizendo que era policial e representava o jornal Correio Policial Militar, com sede em Curitiba. O golpista solicitou a doação pelo comerciante de R$ 200, que seriam usados para a compra de bafômetros, algemas e até melhorias nas estradas. Em troca, o comerciante teria a divulgação de sua empresa no jornal. “O comerciante achou estranho e ligou para a polícia para confirmar, dizendo que se realmente fosse da corporação ele ajudaria”, informou o sargento, ao revelar que a vítima foi informada que se tratava de um estelionato e orientada, pois policiais se deslocariam até sua empresa. Chegando ao local, Levi Souza Silva, 38 anos, estava no estabelecimento para buscar a suposta doação para a polícia e foi preso, sendo conduzido para a delegacia. De acordo com o sargento Moreno, em contato com o Jornal Correio Policial, a pessoa presa realmente é um representante do órgão, mas

não tem a permissão para efetuar este tipo de venda de anúncio e nem pedir dinheiro em nome da polícia. O jornal é um órgão que divulga os trabalhos da polícia, e o golpista usou do nome do mesmo e da instituição para aplicar o golpe.

OUTRAS VEZES

O sargento informa que este não foi o primeiro caso de que o elemento aplicou o golpe. A polícia já tinha informações de que este estelionato estava acontecendo. “A pessoa usa da boa fé das pessoas, pois ao pensarem que é para a polícia doam o dinheiro. Poucas vezes elas ligam para se certificar”, reforça o policial.

PRÁTICA

Sargento Moreno orienta à população que esta não é uma prática da Polícia Militar. “Nunca um policial vai ligar ou ir até um local pedindo dinheiro para a polícia. De nenhuma forma a polícia autoriza o pedido de doações. Se isto acontecer, é golpe”, salienta. O policial reforça que sempre que alguém se identificar por policial é essencial que a pessoa peça sua identificação. “O golpista não vai ter, mas se apresentar alguma, a pessoa anota o nome e liga para o 190 para confirmar. Mas, sempre que alguém pedir dinheiro em nome da polícia, é preciso denunciar, para que a pessoa possa ser presa”, finaliza.

SÚMULA DE PEDIDO DE LICENÇA DE INSTALAÇÃO A Empresa de Ônibus Transgiro Ltda torna público que requereu ao IAP Licença de Instalação para estudos de instalação de seu sistema de transporte e tratamentos de resíduos, a ser implantada na avenida Rio Grande do Sul, nº 659, município de Marechal Cândido Rondon, Estado do Paraná.

SÚMULA DE PEDIDO DE LICENÇA DE INSTALAÇÃO A Cooperativa Agroindustrial Copagril torna público que requereu ao IAP Licença de Instalação para implantação da atividade de mecânica e lavagem de veículos pesados na sua unidade, localizada na avenida Maripá, nº 2840, centro do município de Marechal Cândido Rondon, Estado do Paraná.


28 | O PRESENTE - Edição 3105

SÚMULA DE EMISSÃO DE LICENÇA DE OPERAÇÃO A empresa abaixo torna público que recebeu do IAP Licença de Operação para o empreendimento a seguir especificado: Empresa: Paulo José Escher Atividade: Suinocultura sistema terminação para 1.500 animais Endereço: Lote Rural nº 19-B, linha Volta Gaúcha Município: Entre Rios do Oeste – Paraná Validade: 27/05/2015

SÚMULA DE EMISSÃO DE LICENÇA DE OPERAÇÃO A empresa abaixo torna público que recebeu do IAP Licença de Operação para o empreendimento a seguir especificado: Empresa: Waldir Escher Atividade: Suinocultura sistema terminação para 3.500 animais Endereço: Lote Rural nº 19, linha Gaúcha Município: Entre Rios do Oeste – Paraná Validade: 27/05/2016

SÚMULA DE EMISSÃO DE LICENÇA PRÉVIA A empresa abaixo torna público que recebeu do IAP Licença Prévia para o empreendimento a seguir especificado: Empresa de Ônibus Transgiro Ltda Atividade: Estudos de instalação do seu sistema de transporte e tratamentos de resíduos Endereço: Avenida Rio Grande do Sul, nº 659 Município: Marechal Cândido Rondon - Paraná

SÚMULA DE EMISSÃO DE LICENÇA DE OPERAÇÃO A empresa abaixo torna público que recebeu do IAP Licença de Operação para o empreendimento a seguir especificado: Empresa: Cooperativa Agroindustrial Copagril Atividade: Recebimento, beneficiamento e armazenamento de produtos agrícolas Endereço: Rua Mauricio Cardoso, s/nº, saída para Vista Alegre Município: Entre Rios do Oeste – Paraná Validade: 24/05/2013

SÚMULA DE PEDIDO DE LICENÇA DE INSTALAÇÃO Gilberto Vanir Boni torna público que requereu ao IAP Licença de Instalação para empreendimento de suinocultura, porte médio, modalidade terminação, a ser implantada no município de Nova Santa Rosa, Estado do Paraná.

SÚMULA DE EMISSÃO DE LICENÇA PRÉVIA A empresa abaixo torna público que recebeu do IAP Licença Prévia nº 26605 para o empreendimento a seguir especificado: Empresa: Gilberto Vanir Boni Atividade: Suinocultura, porte médio, modalidade terminação Endereço: Linha Jundiaí Município: Nova Santa Rosa - Paraná Validade: 16/05/2012

EDITAIS

SEXTA-FEIRA, 03 DE JUNHO DE 2011


SEXT A -FEIRA 11 SEXTA -FEIRA,, 03 DE JUNHO DE 20 201

APARTAMENTO, vendo, usado, 160 m², c/ 1 suíte + 2 quartos, bwc, sala, cozinha, lavand., em cima da Ferragens Rondon, em MCR, R$ 175.000,00. Tr. (45)99190234 com Aline.

AVIÁRIOS, vendo, 2, 125 mts Padrão Sadia, a 1.000 mts da cidade, R$ 480.000,00, entrada + prazo. Tr. (45)99319908 ou 3254-4814. BARRACÃO COMERCIAL, vendo ou troco, 520 m² de área construida, terreno 20x25, na Rua Independência, centro de MCR, valor a combinar. Tr. (45)9932-1344.

ÁREA DE TERRA, vendo, 27.000 m², em frente ao lago municipal e futuro teatro, c/ 1.200 m² de construção, valor a combinar, ótimas condições de pgto. Tr. (45)88030231 (tim) ou 3254-2720 com Herton.

CASA, vende-se, 173 m², c/ forro, 3 quartos, suíte, sala, cozinha, bwc, garagem, na Ru a 8 d e A b r i l , n o Lot . Augusto I, R$ 145.000,00, pode ser financiada. Tr. (45)3254-5000 com Certo Imóveis. Creci J-4248.

ÁREA DE TERRA, vendo, 3 alq., planta 2, na linha Neuhaus, valor a combinar, aceito casa. Tr. (45)32543144 ou 9965-0030 com Toninha Imóveis. Creci 9381.

CASA, vende-se, 90 m², c/ laje, 2 quartos, sala, cozinha, bwc, lavand., garagem, na R. Alagoas, centro de MCR, R$ 165.000,00, pode ser financiada. Tr. (45)3254-5000 com Certo Imóveis. Creci J-4248.

ÁREA DE TERRA, vendo, 3.22 alq., na linha Três Voltas, Flor da Serra, R$ 60.000,00. Tr. (45)3254-3144 ou 9965-0030 com Toninha Imóveis. Creci 9381.

CASA, vende-se, em construção, 68 m², c/ laje, 2 quartos, sala, cozinha, lavand., bwc, garagem, no Lot. Augusto I, em MCR, R$ 80.000,00, pode ser financiada. Tr. (45)3254-5000 com Certo Imóveis. Creci J-4248.

ÁREAS DE TERRA, vendo, várias, com plantio de eucalipto ou plantamos c/ manutenção completa, valor a combinar. Tr. (45)8803-0231 (tim) ou 3254-2720 com Herton.

CASA, vendo, 310 m², terreno de esquina c/ 800 m², piscina, no centro de MCR, R$ 450.000,00, entrada + p r a z o a c o m b i n a r. Tr. (45)3254-4814.

O PRESENTE | 29

Classificados na internet: www.opresente.com.br CASA, vendo, 228 m², suíte c/ hidro e closet, aquecimento solar, 2 quartos, 2 bwc, sala de estar, escritório, copa/ cozinha, garagem p/ 2 carros, salão de festas, lavand., sala de jogos, piscina, terreno 14x50, R. Santa Catarina, 7007, Lot. Port III, valor a combinar. Tr. (45)9989-3434 ou 3254-2534 com Rogério. Creci F-15809. CASA, vendo, alvenaria, 63 m², forro pvc, 3 quartos, sala, bwc, cozinha, lavand., garagem, em MCR, R$ 75.000,00. Tr. (45)9905-2650 com Carlos. CASA, vendo, em fase de acabamento, 210 m², 3 quartos, 2 bwc, sala, cozinha, 135 m² parte de baixo e 75 m² sótão, terreno 585 m², no Lot. Bem-Te-Vi, em MCR, R$ 135.000,00, aceito veículos. Tr. (45)9909-2505. CHÁCARA, vendo ou troco, nº 183, de 30.000 m², nos fundos da Tropical Cabines, em MCR, R$ 470.000,00, troco por terra com aviário. Tr. (45)9948-1670 com Alcido. GRANJA, vendo, p/ 2.500 suínos integrados, semi-automático, 3 alq. de terra, 3 casas, poço artesiano, a 2 km da cidade, valor, entrada e prazo a combinar. Tr. (45)9931-9908 ou 3254-4814. PRÉDIO, vendo ou troco, 260 m², com 2 salas comerciais, 1 quitinete, 1 apartamento, na Rua Tocantins, nº 618, em Entre Rios do Oeste, valor a combinar. Tr. (45)8808-9136 ou 9974-5652. TERRA, vende-se, 2.6 alq., na linha São Cristóvão, próximo a Margarida, R$ 110.000,00, c/ R$ 20.000,00 de entrada e saldo a ser pago em 2 anos em scs de soja. Tr. (45)3254-5000 com Certo Imóveis. Creci J-4248.

TERRA, vende-se, 3.2 alq., c/ 1.2 alq. de plantação de eucaliptos, na linha Piriquito, R$ 125.000,00, condições de pgto a combinar. Tr. (45)32545000 com Certo Imóveis. Creci J-4248. TERRA, vendo, 10.8 alq., 6 em lavoura, terra plana, casa de alvenaria, água p/ tanques de peixe, estrebaria, 240 mts de largura, próximo a Curvado, valor: 1.200 scs o alq., entrada + prazo a combinar. Tr. (45)3254-4814 ou 9931-9908. TERRA, vendo, 5 alq., 2 em lavoura, 2.5 em pasto, açude, estrebaria em pré-moldado, casa de alvenaria, 20 vacas, ordenhadeira, resfriador, porteira fechada, R$ 290.000,00, a c e i t o p r o p o s ta s . Tr. (45)9946-7456.

TERRENO, vendo, 20x40, na Rua Goiás, centro de MCR, valor a combinar. Tr. (45)99893434 ou 3254-2534 com Rogério. Creci F-15809. TERRENO, vendo, 400 m², c/ casa de madeira 75 m², localizado na Rua Minas Gerais, a 100 mts da Av. Rio Grande do Sul, centro de MCR, R$ 120.000,00. Tr. (45)99092505. TERRENO, vendo, 400 m², na Av. Maripá, próximo ao Ruzza Supermercado, em MCR, valor a combinar. Tr. (45)9949-0917 TERRENO, vendo, 406 m², de esquina, no Barcelona, valor a combinar. Tr. (45)32543144 ou 9965-0030 com Toninha Imóveis. Creci 9381.

TERRA, vendo, 5.7 alq., 4 mecanizados, sem benfeitorias, em Bom Jardim, R$ 175.000,00, entrada R$ 75.000,00 + 2x de R$ 50.000,00. Tr. (45)3254-4814.

TERRENO, vendo, 600 m², na Rua São Luis, no Botafogo, R$ 45.000,00. Tr. (45)32543144 ou 9965-0030 com Toninha Imóveis. Creci 9381.

TERRA, vendo, 6.5 alq., sendo 4.8 alq. mecanizados, restante mato, localizada na BR, a 150 mts da Polícia Militar de Quatro Pontes, valor a combinar. Tr. (45)3279-1276.

TERRENOS, vendo, 2, juntos, 24x31.92, no Lot. Vale do Sol, valor a combinar. Tr. (45)9989-3434 ou 3254-2534 com Rogério. Creci F-15809.

TERRA, vendo, 600 alq. em pasto formado, com 300 mecanizados p/ lavoura, pista de pouso, casa sede + 6 casas de alvenaria p/ funcionários, barracão p/ maquinários, valor a combinar. Tr. (45)32544814 ou 9931-9908. TERRENO, vende-se, 393 m², na Rua Califórnia, Lot. Barcelona, R$ 38.000,00, pode ser financiado. Tr. (45)3254-5000 com Certo Imóveis. Creci J-4248. TERRENO, vendo, 20x20, na Rua Pernambuco, em frente a Igreja Congregacional, em MCR, R$ 115.000,00. Tr. (45)8803-0231 (tim) ou 32542720 com Herton.

TERRENOS, vendo, vários, no Lot. São Francisco, valor a combinar, parcelas de 40 a 50 meses c/ entrada de R$ 5.000,00. Tr. (45)9978-6422 com Raimundo van den Boon. Creci-F 11955-J.

ALUGO QUARTOS, c/ ou s/ móveis, em MCR, valor a combinar. Tr. (45)9106-8688. APARTAMENTO, ofereço p/ alugar, 1 quarto p/ casal ou solteiro, sala, cozinha, lavand., bwc, garagem, no Cond. Batske, R. 7 de Setembro, nº 434, esquina c/ Av. Rio Grande do Sul, 2º andar, fundos da Loja Dez, em MCR, R$ 430,00, incluso taxa de água e condomínio. Tr. (45)99711150 ou 3254-3141. APARTAMENTO, ofereço p/ alugar, 100 m², 3 quartos, 2 bwc, garagem, sacada, na Avenida Maripá, nº 1635, ao lado da Sena Veículos, em MCR, R$ 500,00. Tr. (45)91346360.

Céu claro

Temperatura: 21º/09º

Temperatura: 22º/09º

Temperatura: 22º/09º

Temperatura: 23º/09º

Temperatura: 22º/09º

Temperatura: 20º/09º

Poucas Nuvens

Chuvas Rápidas

Pancadas de Chuva

Nublado

Chuva

APARTAMENTO, ofereço p/ alugar, 100 m², 3 quartos, demais depend., detalhes em gesso, churrasq., sacada, garagem coberta, interfone, 2 ar-cond., sem condomínio, na Av. Rio Grande do Sul, nº 25, em cima da Multiplex, em MCR, R$ 680,00. Tr. (45)3284-2591 ou 9135-3481. APARTAMENTO, ofereço p/ alugar, 2 quartos, interfone, IPTU, internet, novo, ótima localização, na Avenida Maripá, nº 390, em MCR, R$ 450,00. Tr. (45)3254-5866 ou 88025418. APARTAMENTO, ofereço p/ alugar, c/ 2 dormitórios, 1 garagem, no centro, valor a combinar. Tr. (45)9985-8404 com Gilson. APARTAMENTO, ofereço p/ alugar, nº 801, c/ 3 quartos, garagem, no Ed. Dom Pedro, na Rua 7 de Setembro, nº 385, centro de MCR, R$ 700,00. Tr. (45)9137-5574 com Fernanda. APARTAMENTO, ofereço p/ alugar, novo, c/ 2 quartos, sala, cozinha, churrasq., garagem, interfone, portão eletrônico, sacada, internet, na Rua São Paulo, nº 75, R$ 500,00, com taxa de água, IPTU e condomínio. Tr. (45)9938-0412 ou 9994-2047. CASA, ofereço p/ alugar, 80 m², nova, na Rua 12 de Outubro, nº 2346, em MCR, R$ 500,00 por mês. Tr. (45)32543816 com Ilone. CASA, ofereço p/ alugar, na Rua Rio de Janeiro, nº 1361, em MCR, R$ 420,00 c/ condomínio. Tr. (45)32541848 com Laura. CASA, ofereço p/ alugar, nova, 3 quartos, 1 bwc, sala, cozinha, lavand., na Rua Independência, 800 mts pra baixo da rodoviária, em MCR, R$ 490,00. Tr. (45)9994-9400 com Juliano. OFEREÇO p/ alugar, casa e quitinete, próximo ao Posto Trovão Azul, em MCR, valor a combinar. Tr. (45)3254-1848 com Laura. PONTO DE BAR, ofereço p/ alugar, 96 m², com 2 banheiros, na Rua 7 de Setembro esq. c/ Aracajú, nº 2910, em MCR, R$ 400,00. Tr. (45)32546081 ou 9922-8346 pela manhã.


CLASSIFICADOS

30 | O PRESENTE QUITINETE, ofereço p/ alugar, 1 peça c/ lavand. e bwc, parabólica e internet coletiva (5 megas), garagem, portão elet., interfone, churrasq., preparada p/ ar split, ótima qualidade, ideal p/ 1 ou 2 pessoas, na Av. Irio J. Welp, nº 2474, em MCR, R$ 350,00 c/ água, internet e condomínio. Tr. (45)9923-8068. QUITINETE, ofereço p/ alugar, 4 peças, cozinha com pia embutida, garagem, portão eletrônico, lavand. individual, no centro de MCR, valor a combinar. Tr. (45)9930-1880 com Rosa. QUITINETE, ofereço p/ alugar, 60 m², 1 quarto, sala, cozinha, garagem, área de festa, em Entre Rios do Oeste, R$ 200,00. Tr. (45)9974-5652 ou 8808-9136. QUITINETE, ofereço p/ alugar, de 1º qualidade, c/ 1 quarto, sala, cozinha, bwc, sacada p/ avenida, na Av. Maripá, nº 390, 1º piso, centro de MCR, R$ 390,00. Tr. (45)99698051. SALA COMERCIAL, ofereço p/ alugar, c/ blindex, parabólica, internet (5 megas), na Avenida Irio J. Welp, nº 2474, em MCR, R$ 360,00 c/ água. Tr. (45)9923-8068. SALA COMERCIAL, ofereç o p / a l u g a r, n a R u a Tiradentes esq. c/ Santa Catarina, centro de MCR, valor a combinar. Tr. (45)32548362.

CAMINHÃO, vendo, Ford, Cargo 1517, ano 2009/09, toco no chassi, R$ 65.000,00 de entrada e assume parcelas de Finame R$ 4.100,00. Tr. (45)9971-1922 ou 3254-3955 com Edson.

CAMINHÃO, vendo, VW 14.140, ano 89/89, toco no chassi, R$ 36.000,00. Tr. (45)9971-1922 ou 3254-3955 com Edson. COMPRO, caminhão MB 1935, do ano 95 a 98, trucado, engatado c/ LS ou não, valor a combinar. Tr. (45)3281-7025 ou 9911-3950. CORCEL 2, vendo, ano 84, motor e escapamentos novos, 5 marchas, álcool original, R$ 3.500,00. Tr. (45)8819-2393. CORSA HATCH MILENIUM, vendo, ano 2001/ 02, prata, 4 portas, alarme, trava, placa A, manual, em ótimo estado de conservação, valor a combinar. Tr. (45)88081626. ECOSPORT 1.6 XLT, vendo, ano 2005/06, prata, flex, Ford, completa + couro, R$ 35.500,00. Tr. (45)8418-2834 com Carlos. ESCORT HOBBY 1.0, vendo, ano 95, vermelho, em ótimo estado, R$ 7.300,00. Tr. (45)9919-5854 com Edson. F-1000, vendo, ano 88, Ford, suspensão lata e carroceria nova, valor a combinar. Tr. (45)9969-4322. F-1000, vendo, ano 90, cinza tornado, completa - ar, em bom estado, R$ 30.000,00, a c e i t o p r o p o s ta s . Tr. (45)3284-1048 ou 9962-0082 com Antonio Imóveis. Creci 17145.

FIESTA 1.6, vendo, ano 2003/03, completo, Ford, som original c/ pendrive e bluetooth, valor a combinar. Tr. (45)8805-2129 com Marcio. FIESTA HATCH, vendo, ano 2005, Ford, impecável, valor a combinar, aceito Ford Ka de 2005 em diante. Tr. (45)9965-6638 com Decio. FIESTA SEDAN, vendo, ano 2004/05, prata, placa A, pneus novos, 2º dono, completo - vidro, R$ 24.500,00. Tr. (45)3254-2211 em horário comercial ou 9950-5350 com Edson. FIORINO FURGÃO 1.0, vendo, ano 95, c/ injeção eletrônica, em ótimo estado de conservação, valor a combinar. Tr. (45)3254-2500 ou 9961-4357 com Leandro. FOCUS SEDAN 1.6, vendo, ano 2007, preto, completo, CD, IPVA 2011 quitado, manual, chave reserva, único dono, impecável, valor a combinar. Tr. (45)8803-6565. GOL GTS, vendo, ano 90, vermelho, 1.8 original álcool, vidros elétricos, motor novo na garantia, bancos recaro, todo revisado, em ótimo estado de conservação, R$ 9.500,00, aceito moto. Tr. (45)9912-9757.

F-250 XLT, vendo ou troco, ano 2001, valor a combinar, aceito terreno em MCR ou Toledo. Tr. (45)9916-5900 com Alaor.

GOL TREND 1.0, vendo, ano 2010/11, total flex, prata, completo - DH, revisado, na garantia, seminovo, R$ 15.000,00 de entrada + 63 parcelas de R$ 436,00, aceito carro de menor valor. Tr. (45)9993-5894 ou 8815-8865 com Fabio.

F-4000, vendo, ano 91/92, motor MWM, valor a combinar. Tr. (45)9926-3406 ou 88186958.

MONZA 1.8, vendo, ano 84, original álcool, R$ 4.000,00, aceito propostas. Tr. (45)9947-3402.

FIAT UNO, vendo, ano 95, R$ 6.700,00. Tr. (45)91379205 com Ricardo.

OMEGA GLS 2.0, vendo, usado, bordô, completo, pneus novos, todo revisado, valor a combinar. Tr. (45)9951-8441 com Michel. PALIO 1.0 EX, vendo ou troco, ano 98/98, vermelho, 4 portas, alarme, trava, placa A, em ótimo estado de conservação, valor a combinar. Tr. (45)8808-1626.

PALIO CELEBRATION 1.0, vendo, ano 2007/08, 2 portas, trava, ar-cond., em ótimo estado, valor tabela FIPE. Tr. (45)9935-0545 com Ronei. PALIO ELX, vendo, ano 2004, prata, placa A, completo, bem conservado, R$ 22.800,00. Tr. (45)9938-5758 com Luiz. PALIO EX, vendo, ano 99, vermelho, 4 portas, valor a combinar. Tr. (45)9926-9370. PARATI 1.0, vendo, ano 98, prata, com ar, direção, trava, alarme, R$ 16.000,00. Tr. (45)9903-1481 com Kairon. PARATI PLUS 1.6, vendo, ano 2006, vermelha, flex, completa, rodas liga leve, CD, IPVA 2011 quitado, manual, chave reserva, único dono, valor a combinar. Tr. (45)8803-6565. PARATI SURF, vendo, ano 2008/09, preta, completa, particular, c/ IPVA 2011 pago, valor a combinar. Tr. (45)99381114 com Fabio. PASSAT LS, vendo, ano 81, álcool, manual, 2º dono, impecável, R$ 5.000,00. Tr. (45)3279-1206 ou 8822-1831 com Marlon. PEUGEOT 206 SOLEIL 1.6, vendo, ano 2000, preto, completo, preço de ocasião. Tr. (45)9134-8071. PEUGEOT 206 SOLEIL 1.6, vendo, ano 2003/03, preto, completo, c/ air bag duplo e computador de bordo, valor a combinar. Tr. (45)9961-0071 com Marcos. PICASSO GLX 1.6, vendo, ano 2007, azul, flex, completa, couro, air bag's, CD, manual, chave reserva, impecável, valor a combinar. Tr. (45)8803-6565. PICK-UP CORSA, vendo, ano 2001, c/ ar-cond., trava elétrica, alarme, capota marítima, engate, rodas liga leve, aro 15, 4 pneus novos, valor a combinar. Tr. (45)8825-4921 com Rodrigo.

SEXTA-FEIRA, 03 DE JUNHO DE 2011 PICK-UP STRADA, vendo ou troco, ano 2003, Fiat, branca, placa A, 2º dono, revisada, R$ 17.800,00 (tabela FIPE). Tr. (45)8808-9136 ou 9974-5652. PICK-UP STRADA, vendo, ano 2000/00, branca, Fiat, placa A, chave reserva, R$ 13.000,00. Tr. (45)3254-3576 ou 9968-7531 com Everton. PRÊMIO, vendo, ano 86, Fiat, álcool, em bom estado, R$ 3.500,00. Tr. (45)91037145 com Nelsi ou Ademir. S10 CD 2.8 EXECUTIVE, vendo, ano 2005, prata, completa, placa A, 2º dono, IPVA pago, R$ 58.000,00. Tr. (45)9972-0270. S10 CD 2.8, vendo, ano 2005, preta, completa, 4x4, IPVA pago, 2º dono, toda revisada, R$ 55.000,00. Tr. (45)9972-0270. S10 CD 2.8, vendo, ano 2010, prata, completa + air bag duplo, 4x4, ABS, piloto automático, R$ 75.000,00. Tr. (45)9972-0270. S10 CD ADVANTAGE 2.4, vendo, ano 2007, prata, completa, 60.000 km, único dono, R$ 44.500,00. Tr. (45)99720270. SANTANA CD, vendo ou troco, ano 86, valor a combinar, troco por moto Honda ou Yamaha. Tr. (45)9912-2323 com Simone. SANTANA, vendo, ano 2005/05, álcool, completo, R$ 26.000,00. Tr. (45)9924-0478 ou 3254-3329. SAVEIRO 1.8, vendo, ano 93, metálica, original álcool, motor AP, rodas liga leve, embreagem nova, capota marítima, em ótimo estado de conservação, R$ 12.000,00. Tr. (45)3254-3607 ou 9930-4129 com Ivo. SAVEIRO MI 1.6, vendo, ano 2003, branca, álcool, 4 pneus novos, placa A, R$ 19.000,00, aceito Biz. Tr. (45)9909-2505 com Peter. STILO 1.8, vendo, ano 2005, prata, completo + computador de bordo, impecável, R$ 28.500,00. Tr. (45)99720270. STRADA ADVENTURE 1.8, vendo, ano 2008, cinza metal, flex, completa + CD de fábrica, computador, R$ 34.000,00. Tr. (45)9972-0270. STRADA CE FIRE 1.4, vendo, ano 2008/09, prata, flex, completa + banco traseiro e capota, em excelente estado, R$ 28.500,00. Tr. (45)91452802 com Marcio. STRADA FIRE 1.4 CE, vendo, ano 2009, prata, flex, completa, 25.000 km, único dono, R$ 29.000,00. Tr. (45)9972-0270. TEMPRA, vendo, ano 97, prata, 8 v, completo, único dono, estado de novo, R$ 12.000,00. Tr. (45)9972-0270.

TUCSON GL, vendo, ano 2006, prata, completa + couro e câmbio, 51.000 km, único dono, R$ 50.000,00. Tr. (45)9972-0270. UNO 1.5, vendo, ano 88, álcool, branco, c/ pneus novos, valor a combinar, aceito Biz. Tr. (45)9942-2738. UNO MILLE 1.0, vendo, ano 96, bordô, 2 portas, gasolina, R$ 10.200,00. Tr. (45)9972-0270. UNO MILLE FIRE, vendo, ano 2004, prata, 4 portas, placa A, 3º dono, R$ 15.500,00. Tr. (45)9972-0270. UNO MILLE FIRE, vendo, ano 2009, vermelho, 4 portas, trio, alarme, CD, pneus novos, R$ 22.000,00. Tr. (45)99720270. VECTRA ELEGANCE 2.0, vendo, ano 2007, preto, 8 v, air bag duplo, R$ 35.000,00. Tr. (45)8802-5616. VECTRA ELEGANCE, vendo, ano 2006, preto, completo + câmbio automático, placa A, único dono, R$ 37.500,00. Tr. (45)9972-0270. VECTRA ELEGANCE, vendo, ano 2007, cinza metálico, completo + couro, câmbio, air bag, ABS, computador, CD, placa A, R$ 43.000,00. Tr. (45)9972-0270. VECTRA GLS 2.0, vendo, ano 95/96, chumbo, 8 v, completo, todo revisado, impecável, valor a combinar. Tr. (45)9961-0071 com Marcos. VECTRA GLS, vendo, ano 96, cinza metal, completo, pneus novos, impecável, R$ 13.800,00. Tr. (45)9972-0270. VECTRA GLS, vendo, ano 97, branco, completo, 2º dono, R$ 17.000,00. Tr. (45)9972-0270. VECTRA, vendo, ano 97, verde, completo, valor a combinar. Tr. (45)3254-6678 ou 9965-0791. VERONA 1.8 I GLX, vendo ou troco, ano 95, c/ DH, vidros elétricos, valor a combinar, troco por material de construção. Tr. (45)99725399. ZAFIRA ELITE, vendo, ano 2006, preta, completa + couro, câmbio, piloto, air bag, ABS, placa A, R$ 41.500,00. Tr. (45)9972-0270.

BIZ 125, vendo, ano 2008/ 08, preta, c/ partida elétrica, rodas esportivas, baixa km, R$ 5.000,00. Tr. (45)91117183 com Roque. CBX 250 TWISTER, vendo, ano 2004, vermelho ferrari, Honda, c/ 26.000 km rodados, super conservada e toda revisada, R$ 5.500,00. Tr. (45)9914-5747.


SEXTA-FEIRA, 03 DE JUNHO DE 2011 CG 125 FAN KS, vendo, nova, preta, emplacada, IPVA e seguro 2011 pago, R$ 5.500,00. Tr. (45)3279-1033 ou 8817-7440. CG 125 KS, vendo, ano 2003, cinza metálica, Honda, R$ 2.800,00. Tr. (45)91032798 com Anderson. CG 150 ESI, vendo, ano 2010, c/ partida elétrica, injeção eletrônica, 6.500 km, valor a combinar, aceito Biz. Tr. (45)9942-2738. CG TITAN 150 ES, vendo, ano 2008, preta, c/ partida, pneus novos, em ótimo estado, R$ 4.700,00 à vista, sem troca. Tr. (45)9921-6634 com Dalton. FAZER 250, vendo ou troco, ano 2007/07, preta, Yamaha, revisada, placa A, documentos ok, R$ 7.500,00, aceito moto de menor valor. Tr. (45)9926-1428 ou 32540803. FAZER 250, vendo, ano 2006/07, Yamaha, valor a combinar, aceito Biz, CG ou YBR de menor valor. Tr. (45)9943-0213 com Vitor. FAZER, vendo, ano 2011, modelo novo, 250 cc, preta, baixa km, lanterna traseira em led, painel digital, impecável, R$ 1.000,00 de entrada + financiamento. Tr. (45)99473402. TITAN, vendo, ano 2003, prata, c/ partida, valor a combinar. Tr. (45)9968-8436 com Mauri.

APARELHO DE ESTÉTICA, vendo, p/ uso profissional, valor a combinar. Tr. (45)32731144 ou 3273-1315. BECKER´S NUTRIÇÃO ANIMAL contrata 1 auxiliar de controle de qualidade e 1 gestor de controle de qualidade, ambos com experiência, interessados. Tr. (45)3284-8900 ou 9135-1312 com Paulo ou Rômulo. BICICLETA, vendo ou troco, Caloi, forte, cargueira, seminova, valor a combinar. Tr. (45)9991-3553 com Ivete ou Ivonete. CAMA ELÁSTICA, alugo, reservas. Tr. (45)9125-8160 ou 9903-1160.

COMPUTADOR, vendo, novo, HD 500GB, 2GB memória, monitor 18,5 LCD, valor a combinar. Tr. (45)8801-0212.

CONSÓRCIOS, vendo, contemplados e não contemplados. Tr. (45)9992-7586 com Alex. CONTRATA-SE técnico em inst. de som, alarmes, travas e vidros elétricos automotivos, c/ experiência, necessário ter disponibilidade p/ viajar, interessados. Tr. (45)3284-2591 ou 9135-3475 com Cris. CONTRATA-SE TÉCNICO, eletrecista comercial e residencial c/ experiência, necessário ter disponibilidade p/ viajar, interessados. Tr. (45)3284-2591 ou 9135-3475 com Cris. DESAPARECEU CÃO POODLE, branco, que atende por Fred, quem tiver informações sobre o mesmo. Tr. (45)9984-6190 ou 3284-1212 com Leoni ou Egomar. ESTEIRA ELÉTRICA, compro, usada, valor a combinar. Tr. (45)8825-8277 com Flávio. FARMÁCIA, vendo, localizada no centro de Palotina, com bom estoque em medicamentos, perfumaria e varejinho, ótima cartela de clientes, toda informatizada, R$ 60.000,00. Tr. (44)3649-6488 ou 8425-0806 (tim) com Robson ou Andrea. FILHOTE, vendo, de Pastor Alemão, linhagem pura, capa preta, fêmeas, valor a combinar. Tr. (45)9945-7864 ou 8819-3919.

Atenção vítimas de acidente do mês 04/2008 à 2011 Você sabia que tem direito a indenização? (45) 9972-7923 Informações 9134-9384 H.J. MUNCHEN & VENGRAT 3254-4503 CNPJ: 10759805/0001-77

FILHOTES, vendo, de Boxer, c/ 45 dias, vacinados e desverminados, linhagem pura, R$ 250,00 cada. Tr. (45)9928-8949 ou 9911-6273 com Gil. FILHOTES, vendo, de Chow Chow, c/ 18 dias, puros, valor a combinar. Tr. (45)8834-0467.

O PRESENTE | 31

LOJA, vendo ou troco, com ótima clientela, no centro de MCR, valor a combinar, aceito propostas. Tr. (45)3254-3365 ou 9964-8857. MOTOR DIESEL B-9, vendo, Yanmar, estado de novo, R$ 2.000,00. Tr. (45)99817656 com Nelson. PRECISA-SE de entregadores de jornal acima de 16 anos, sexo masculino, interessados. Tr. (45)99626494. PROCURO FAMÍLIA p/ trabalhar em leiteria, em Tacuru, MS, a 200 km de MCR. Tr. (45)9914-0794 ou (67)96457894.

BEZERROS, vendo, valor a combinar. Tr. (45)9947-0639. CASQUINHA DE ARROZ E MARAVALHA DE PINUS, vendo, p/ aviário, valor a combinar. Tr. (45)9948-6042 ou 8808-7566. COLHEITADEIRA, vendo, TC 59, ano 2002, R$ 180.000,00, pgto 1+2. Tr. (45)9969-7969 ou 9961-7019. FORRAGEIRA COLHE CAPIM, vendo, 1.20 mts de corte, valor a combinar. Tr. (45)9911-6934. MUDAS DE EUCALIPTO, vendo, várias variedades, c/ plantio e manutenção completa, valor a combinar. Tr. (45)8803-0231 (tim) ou 32542720 com Herton. ORDENHADEIRA, vendo, canalizada, Flaco, 5 conjuntos, pulsação eletrônica, unidade final de vidro, pouco uso, valor a combinar, pode ser financiado. Tr. (45)8808-4457. PLANTADEIRA, vendo, Jumil, ano 96, 8 linhas, valor a combinar. Tr. (45)9911-6934. RESFRIADOR, vendo, 1.500 lts, 2 ordenhas, com 10 meses de uso, valor a combinar, pode ser financiado. Tr. (45)8808-4457. TOURO JERSEY, vendo, com 3 anos, valor a combinar. Tr. (45)8827-4186 com Branco. TRATOR, vendo, MF 290, 4x2, turbo, ano 94, em excelente estado de conservação, valor a combinar. Tr. (45)91096251 ou 9908-5898. TRATOR, vendo, TM 150, ano 2006, R$ 100.000,00, pgto 1 + 2. Tr. (45)9969-7969 ou 9961-7019.

FILHOTES, vendo, de Lhasa Apso, R$ 200,00. Tr. (45)9947-3592 com Dirce.

VACAS LEITEIRAS, vendo, 6, raça Gir Leiteiro, valor a combinar. Tr. (45)9101-0179.

I M P R E S S O R A MATRICIAL, vendo, Epson LX-300+, com 4 meses de uso, R$ 350,00. Tr. (45)99339401 com Cleidi.

VENDO, resfriador e ordenhadeira, da Heidel, seminovos, valor a combinar. Tr. (45)9981-7656 com Nelson.

PARA ASSINANTES

2,00 Este cartão é válido somente para a edição do dia 04/06/2011 R$

Marcar com X:

Compro Vendo

Troco

Preciso para alugar Ofereço para alugar

Produto: ---------------------------------------------- Marca: --------------------------------Novo/usado/ano: ----------------------------------- Valor: ---------------------------------Obs.: --------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------Tratar com: ------------------------------------------ Fone: ---------------------------------Endereço: -------------------------------------------- Cidade: -------------------------------Remetente: ------------------------------------------ Fone: ---------------------------------Assinatura do responsável: ----------------------------------------------------------------Obs.: Não nos responsabilizamos pela publicação de cartões rasurados e por informações incorretas. Entregue este cartão na recepção do Jornal O Presente entre 08 e 12 horas do dia 03/06/2011.

Recorte na linha pontilhada

CARTA CONTEMPLADA, vendo, imóvel, crédito de R$ 40.000,00, R$ 21.000,00 de entrada + 51x de R$ 670,00. Tr. (45)9903-0005 com Suzana.

COMPUTADOR, vendo, montado p/ jogos, 4GB de mem., processador, AMD athlon (IM) IIx4 (4620), placa mãe, Asus M4A 78, motherboard 2GHZ, placa de vídeo, ati HD 5570 - 2GB DDR3, fonte, corsair 650 w real, monitor LG 19, HD sansung 320 GB, windows 7, já formatado, seminovo, R$ 1.980,00. Tr. (45)8801-8766 com Douglas.

CLASSIFICADOS


MARECHAL CÂNDIDO RONDON - PR

SEXTA-FEIRA

03

JUNHO DE 2011 Fone/fax: (45)

3254-1842

IAP recebe denúncia de descarte irregular de agrotóxicos PÁGINA 13


SEXTA-FEIRA, 03 DE JUNHO DE 2011

CADERNO DE EDITAIS

Edição 3105 - O PRESENTE | 01

Continua


02 | O PRESENTE - Edição 3105

EDITAIS

SEXTA-FEIRA, 03 DE JUNHO DE 2011


SEXTA-FEIRA, 03 DE JUNHO DE 2011

EDITAIS

Edição 3105 - O PRESENTE | 03


04 | O PRESENTE - Edição 3105

EDITAIS

SEXTA-FEIRA, 03 DE JUNHO DE 2011


06-03-2011.pdf