Issuu on Google+

Ano 19 - Nº 3113 Agência Senado

MARECHAL CÂNDIDO RONDON - PR, QUARTA-FEIRA, 15 DE JUNHO DE 2011

NOVO PARANAENSE NO SENADO O senador Sérgio Souza (PMDB-PR) tomou posse ontem (14) no lugar de Gleisi Hoffmann, que se licenciou da Casa na semana passada para assumir a chefia da Casa Civil. Em seu discurso de posse, o senador cumprimentou seus companheiros de partido e reafirmou seu compromisso com a base aliada do governo. “Dirijo-me à presidenta Dilma Rousseff e ao vice-presidente Michel Temer, na condição de membro da base de apoio ao governo, para afirmar minha total disposição de atuar no Senado em defesa deste projeto político que vem transformando o Brasil num país mais desenvolvido e mais justo”, disse. Entre as prioridades imediatas de sua atuação no Senado, Sérgio citou a aprovação do novo Código Florestal - que ele considera de grande relevância para o seu Estado - e agilização da tramitação da proposta de emenda à Constituição que cria o Tribunal Regional Federal da 6ª Região, no Paraná. O novo senador também ressaltou as qualidades da ministra Gleisi Hoffmann, de quem é suplente e a quem considera “muito preparada intelectualmente, convicta em suas ideias, posicionamentos e, sobretudo, determinada em seus propósitos”. PÁGINA 04

R$ 2,00

Presidenta Dilma vem ao Paraná para lançar o Plano Safra PÁGINA 06

Carina Ribeiro/OP

Fernanda Richa estará amanhã em Entre Rios do Oeste PÁGINA 10

TROCA DE “TERRENOS”

Divulgação

MERCEDES

Cultivo de fumo representa R$ 3,5 milhões em arrecadação Além de assegurar a permanência do homem no campo, o cultivo de fumo no município de Mercedes tem gerado em torno de R$ 3,5 milhões por ano em arrecadação de ICMS aos cofres públicos. Atualmente 113 produtores rurais vivem da cultura e produzem em média cerca de 724 toneladas de fumo por ano. As principais localidades produtivas são Três Irmãs, responsável por 306 toneladas; Sanga Alegre, que produz outras 194 tonela-

das; e ainda o entorno da sede, que contribui com a produção de 154 toneladas/ano. A rentabilidade proporcionada pelo cultivo de fumo é um dos principais atrativos aos produtores. Em termos de rendimento financeiro, a produção de um alqueire de fumo pode ser equivalente a cerca de 10 alqueires cultivados com soja. O custo de produção da cultura gira em torno de 15% a 20% do total bruto arrecadado com a venda da safra. PÁGINA 24

Está em processo de negociação, em Guaíra, uma permuta de imóvel de propriedade do município com uma área da Marinha do Brasil. Estão em negociação a área da antiga “Prainha” (que pertence ao município) e o terreno que fica ao lado do Porto Internacional Sete Quedas (pertencente à Marinha). A “Prainha” (foto) já não existe há muito tempo e a área está degradada: com o repasse da área à Marinha, esta estará mais próxima ao rio, com possibilidades de expansão física de área construída, proporcionando mais segurança ao local. A Copel e a Marinha também entraram num acordo e passarão por mudanças. Como o prédio da Copel pertence à União, houve consenso entre as partes e as respectivas sedes vão trocar de lugar. PÁGINA 11

Edital na pág. 26


EDITORIAL

02 | O PRESENTE

Item obrigatório Os partidos políticos e a sociedade organizada preciFrancisco Simião, aquele que proporcionou incentisam elaborar uma lista de prioridades para a reforma vos para implantação da indústria de álcool de Mareleitoral que está sendo gestada no Congresso Nacional, garida. E o segundo suplente, alguém lembra: é o exquase no silêncio e sob o olhar de poucos. secretário de Requião, Luiz Mussi. Ainda que sejam experientes políticos que têm a inE percebem que estamos falando de uma campacumbência de elaborar um projeto para reformar nossa nha eleitoral que aconteceu há menos de um ano, fragilizada regra eleitoral, na maioria das vezes eles não pouco mais de seis meses e nossa memória, por melhor mexem nos quesitos mais importantes e que ressaltam aos que pareça, não consegue localizar esses nomes duolhos de qualquer um. rante o processo eleitoral. Nada melhor do que a realidade colocada às Agora vamos falar de uma eleição que ocorreu há claras, como agora com a posse da senadora Gleisi quatro, quando somente uma vaga para senador esHoffmann como ministra, aparece quem é o cidadão tava em disputa. que está tomando assento num dos postos mais imporPela matemática da exclusão, é possível saber o nome tantes da República, uma cadeido senador eleito, já que cada Estara do Senado Federal. do tem três. Se Requião e Gleisi Os suplentes são assim, eles se Sérgio Souza, quem ouviu falar foram eleitos na última campanha, elegem não tendo votos, não deste nome na última eleição? E, logicamente o outro senador foi eleipior, quem votou nele? to na anterior, no caso, Alvaro Dias. fazendo campanha e devem os Mas é bom lembrar que ele é Mas quem são seus suplentes? Um mandatos, se eventualmente fruto dessa regra abençoada que deles provavelmente estaria ocuacontecerem, para os titulares. dá ao senador o cargo mesmo quanpando uma cadeira de senador hoje, Talvez essa seja a pior regra da do se afasta da sua função. se José Serra fosse eleito presidente. nossa lei eleitoral. A coisa Do contrário, pela lógica, quem Alguém já ouviu falar em Wilson mais desproposital que nossa deveria assumir a vaga do senador de Mattos Silva? Provavelmente legislação poderia contemplar. licenciado é o mais votado daqueninguém, ou poucos, raríssimos talPortanto, um item que deveria les que concorreram ao mandato vez, sabem quem é ele e que ele é o ser o primeiro a cair de senador. Neste caso, Gustavo suplente de Alvaro Dias e poderia Fruet aparece em primeiro da lista ser senador da República. com 2.502.805 votos e Ricardo Barros em segundo com O segundo suplente de Alvaro Dias é o ex-deputado, 2.190.539 votos. também da década de 80, Hélio Duque. Assim como Mas, seria interessante fazer uma reflexão sobre o Wilson de Mattos Silva, Hélio Duque é amigo e fiel assunto, a partir dos outros suplentes. escudeiro de Alvaro Dias. Alguém sabe quem é o segundo suplente de Gleisi Os suplentes são assim, eles se elegem não tendo votos, Hoffmann? É Pedro Irno Tonelli. Para refrescar a não fazendo campanha e devem os mandatos, se eventumemória, os mais antigos podem lembrar dele, que foi almente acontecerem, para os titulares. Talvez essa seja o primeiro deputado estadual eleito pelo PT, depois a pior regra da nossa lei eleitoral. A coisa mais despronunca mais ganhou eleição e foi ser suplente da Gleisi. posital que nossa legislação poderia contemplar. PorTonelli trabalha na Itaipu. tanto, um item que deveria ser o primeiro a cair. E os suplentes de Roberto Requião e Alvaro Dias, Em lugar das figuras dos suplentes de senadores alguém lembra de um deles? deveriam assumir os que disputaram a eleição e não Lembrar dos nomes até pode ser que sim, mas alguém ganharam pela ordem de votação. lembra de um suplente que tenha acompanhado o candiSeria bem mais coerente se o suplente a ocupar a dato a senador para pedir votos? cadeira de Gleisi Hoffmann fosse o ex-deputado Gustavo Pois bem, Requião tem como primeiro suplente o Fruet, que fez mais de 2,5 milhões de votos na última ex-secretário de Indústria e Comércio do Paraná, eleição, e não é nada na ordem de sucessão. REFLEXÃO DO DIA

Coragem é a resistência ao medo, domínio do medo, e não ausência do medo Mark Twain

Colaboração: Prof. Heinz Schurt (www.heinz.adm.br)

EXPEDIENTE Um jornal de bom senso Diretores Arno Kunzler Jornalista Reg. Prof. nº 274/02/38 E-mail - arno@opresente.com.br Paulo Rodrigo Coppetti paulorodrigo@opresente.com.br Editora-chefe Ana Paula Wilmsen DRT/PR nº 8352 jornalismo@opresente.com.br Editora O Presente Ltda Rua Sete de Setembro, 1233 - Centro Marechal Cândido Rondon - PR - CEP: 85960-000 Fone/fax (45) 3254-1842 CNPJ – 84.812.049/0001-39

Filiado à ADI Associação dos Jornais Diários do Interior do Paraná Comercialização: Paraná/São Paulo/Rio de Janeiro Merconeti - Ricardo Takiguti (41) 3079-4666 ricardo@merconeti.com.br Comercialização: Brasília Central de Comunicação - (61) 3323-4701 Internet – www.opresente.com.br

QUARTA-FEIRA, 15 DE JUNHO DE 2011

Elio Migliorança AGORA ACREDITO Quando José Sarney e Valdir Rossoni tomavam posse como presidente do Senado e da Assembleia Legislativa, respectivamente, escrevi neste espaço em 09 de fevereiro deste ano o artigo intitulado: “Quem acredita?”. Nele analisava os discursos de posse e respectivamente as promessas feitas pelos titulares mencionados. E a grande pergunta se baseava na tradição histórica de não se cumprirem promessas feitas nestas ocasiões. Uma foi para o ralo das mentiras e embromações. A outra está surpreendendo e orgulhando os paranaenses. O deputado Valdir Rossoni, que preside a Assembleia Legislativa, está indo além do que prometeu. Desbaratou uma quadrilha lá instalada, denunciou falcatruas, caçou fantasmas, descobriu e eliminou “laranjas” que participavam de esquemas de desvio de recursos, alguns coniventes e outros inocentes que tiveram seus nomes usados indevidamente e colocou às claras um mistério secular que era o número de funcionários existentes naquela Casa. Está transformando o Parlamento estadual numa vitrine onde aflora um exemplo a ser seguido. É natural que esteja encontrando muita resistência de parte daqueles que se beneficiaram do “esquema”. Mesmo que muita gente não esteja nem aí para o que está acontecendo, é bom prestar atenção naquele cheque de R$ 10 milhões que foi devolvido ao Governo do Estado, pois o valor foi aplicado em saúde pública, atendimento mais digno para muitos. Recordo do Rossoni como colega de universidade, sonhando um Brasil melhor para todos. O então colega e agora presidente, ocupando o segundo cargo mais importante do Estado, não desapontou aqueles que acreditaram nos seus ideais. No passado, muitos deputados discursaram bonito, mas até agora ninguém tinha provocado tamanho terremoto e limpeza interna no Legislativo estadual. Está tudo resolvido? Óbvio que não. Mas é um exemplo que merece nosso aplauso e apoio. Há décadas comentava-se que se todos comparecessem ao trabalho na Assembleia Legislativa não haveria espaço para todos. Agora foi comprovado que era mesmo assim. Prova disto são aqueles que sobraram depois de preencher todos os cargos possíveis. Exemplo tal devia ser seguido pelas câmaras municipais e pelos órgãos do Governo do Estado. É necessário estarmos atentos e vigilantes para que no futuro as coisas não voltem aos esquemas ora desmontados. Isto prova que quando se tem vontade, princípios e ética, é possível fazer o serviço público ser eficiente e produtivo. Enquanto isso, o Congresso Nacional coloca o Brasil na contramão. Aprovaram o plebiscito para dividir o Estado do Pará, criando outros dois Estados. Uma afronta ao bom-senso. Um escárnio à população desassistida do país. Criar novos Estados é apenas para criar novas estruturas e despesas para acomodar apadrinhados políticos, consumindo preciosos recursos, oriundos da pesada carga tributária que oprime e esmaga o sofrido contribuinte desta Terra de Santa Cruz, hoje conhecida como Brasil. Quando escrevi a coluna da semana passada, o Palocci ainda era ministro, hoje já não é mais. E daí, os 20 milhões: fica por isso mesmo ou a investigação continuará? * O autor é professor em Nova Santa Rosa miglioranza@opcaonet.com.br


QUARTA-FEIRA, 15 DE JUNHO DE 2011

O PRESENTE |

Fortalecimento do PMDB de Mercedes Arquivo/OP

O grupo político da base aliada ao prefeito e vice-prefeita de Mercedes, Vilson Schwantes e Cleci Loffi, respectivamente, ambos do PMDB, já está se mobilizando e mantendo contato de olho nas eleições municipais do ano que vem. O objetivo neste momento é saber qual partido continuará aliado para o pleito de 2012. A informação é do presidente do diretório do PMDB, vereador Edson Schug. De acordo com o líder partidário, devido à proposta da reforma política pode ocorrer um trabalho de fortalecimento em dois a três siglas do grupo - atualmente composto por PMDB, PTB, PP, PPS, PR e PT - e entre estes haver uma coligação. Neste sentido, várias novas filiações já estão acontecendo na agremiação peemedebista, alguns nomes inclusive com potencial para ser futuro candidato na proporcional ou até mesmo na majoritária, informa o parlamentar.

Candidato a candidato Um dos líderes do PP no município de Entre Rios do Oeste e candidato a prefeito nas eleições de 2008, Ari Aloísio Maldaner, já admite que colocará seu nome à disposição do grupo aliado para encabeçar a chapa da oposição no pleito municipal de 2012. “Dentro do nosso grupo sou candidato a candidato. Desde o dia em que perdi a eleição já disse que eu seria novamente candidato, mas se o grupo decidir por outro nome, estarei junto na campanha. Gosto de Entre Rios e preciso fazer algo pelo município”, pontua. A mobilização de pepistas e lideranças dos partidos aliados como PMDB e PDT deve ser mais intensa a partir da próxima semana. “Depois da festa do município passaremos a nos reunir mais para discutir o assunto. Vamos avaliar em torno de três a quatro nomes, discutir a coligação e nos basear em pesquisa”, afirma.

Arquivo/OP

Ari Maldaner está disposto a disputar mais uma eleição a prefeito

BEM COTADO Presidente do PMDB de Mercedes, vereador Edson Schug: “A forma como acontecerá a escolha do nome para compor a chapa majoritária ainda está indefinida, se será através de pesquisa ou trabalho junto às bases eleitorais”

Majoritária Enquanto na proporcional o PMDB deve lançar chapa completa, na majoritária o partido deve trabalhar para continuar sendo representado no Poder Executivo. Como o prefeito Vilson Schwantes não pode mais ser candidato, já que está em seu segundo mandato consecutivo, a vice-prefeita Cleci Loffi tem sido apontada como candidata natural em sua sucessão. Contudo, ressalta o presidente do partido, o mandatário tem todo o aval para contribuir no processo eleitoral ao assessorar o grupo, declara. Edson informa que a definição dos nomes para a majoritária acontecerá a partir de um entendimento conjunto do grupo. “Queremos entrar para ganhar e sem corrermos risco. Por isso, vamos nos reunir com os partidos para definirmos se a escolha dos candidatos à majoritária acontecerá por meio de pesquisa ou a partir de um trabalho junto às bases eleitorais dos seis partidos que estiveram conosco na eleição de 2008”, afirma.

03

O prefeito de Toledo, José Carlos Schiavinato, nunca escondeu de ninguém que não pode ser descartada a possibilidade em assumir um cargo no governo estadual ou até mesmo no governo federal após encerrar o seu segundo mandato consecutivo no paço municipal, no ano que vem. Com a nomeação da senadora Gleisi Hoffmann como ministrachefe da Casa Civil, as especulações aumentam ainda mais, já que ambos têm grande proximidade e amizade. Schiavinato certamente tem muito a contribuir, seja no âmbito estadual ou federal. Seu nome é sempre citado como um exemplo de prefeito, tendo em vista a transformação por qual passou Toledo nos últimos anos, se destacando como um dos principais municípios do Estado. Quem anda pela cidade não consegue deixar de notar a quantidade de obras públicas, seja concluída ou em fase de execução. Como servidor público e agora chefe do Poder Executivo municipal, essa experiência em administração pública adquirida ao longo dos anos em que trabalha na prefeitura certamente pode contribuir com o desenvolvimento de outras cidades do Estado ou até mesmo do Brasil. Arquivo/OP

Prefeito de Toledo, José Carlos Schiavinato: proximidade com Gleisi Hoffmann pode lhe garantir no futuro algum cargo no governo federal


POLÍTICA

04 | O PRESENTE

QUARTA-FEIRA, 15 DE JUNHO DE 2011

POSSE NO SENADO

Sérgio Souza: “sou um senador jovem e tenho ideias novas”

Agência Senado

Suplente de Gleisi, ele diz que denúncias não vão prejudicá-lo

S

érgio de Souza (PMDBPR) assumiu ontem (14) a vaga no Senado deixada por Gleisi Hoffmann (PT-PR), que se tornou ministra-chefe da Casa Civil da Presidência da República na semana passada. Ele tomou posse como senador sob forte polêmica, pois é alvo de denúncias de envolvimento com grupo que desviava dinheiro da Assembleia Legislativa do Paraná. Antes da posse, ontem, Souza tratou de minimizar o problema. Sobre as acusações de que sua mãe teria recebido salário do Legislativo paranaense sem dar expediente na Assembleia, o novo senador disse que o fato “não tem nada de anormal”. “A chefia de gabinete, que cuidava disso, disse que isso é normal. Era muito normal, não só na Assembleia, como em outras Casas”, declarou. Souza explicou que não sabia

Registro da posse de Sérgio Souza, ontem (14), que assumiu a vaga de Gleisi no Senado Federal: boas-vindas de José Sarney

que estava sendo investigado pela Polícia Federal (em referência à Operação Gafanhoto da PF, de 2008) e que o fato não prejudicará o seu mandato. “Isso, para mim, não tem nenhuma importância. Isso é uma provação que tenho de passar, porque temos de provar para os amigos, para o meu Estado, para a nação, para o meu país, que não há nada errado. Sou um senador jovem e tenho ideias novas. Não es-

tou aqui para brincadeira. Talvez eu represente a renovação, não só para o Senado, mas para a política do meu Estado”, disse. Sérgio Souza é advogado e ligado ao ex-governador do Paraná Orlando Pessuti. Com a chegada de Souza, a bancada do PMDB no Senado, que já era a maior da Casa, passa a ter 20 senadores. A bancada do PT, que era a segunda maior e tinha 15 senadores, fica com 14.

Dívida do Banestado é impagável, diz Hauly na Assembleia A dívida do Paraná referente ao saneamento e privatização do Banestado é impagável. O veredito foi dado pelo secretário da Fazenda, Luiz Carlos Hauly, durante a audiência pública realizada na Assembleia Legislativa, ontem (14), para a apresentação do desempenho financeiro do Estado no primeiro quadrimestre deste ano. Os números citados por Hauly são inequívocos. A dívida começou em R$ 5,6 bilhões em 2000. Onze anos depois, o Paraná já pagou R$ 8 bilhões e ainda deve R$ 8,9 bilhões. Do total da dívida do Paraná com a União, o rombo do Banestado representa 95,7%. Ou seja, dos R$ 9,3 bilhões que o Estado deve à União, R$ 8,9 bilhões correspondem ao débitos do extinto banco estatal do Paraná. Hauly disse que a esperança de solução está numa negociação com o governo federal. “A dívida é impagável. Só tende a crescer. Mas já há sensibilidade do governo federal e do Congresso Nacional para uma pacificação do tema”, afirmou o secretário, confiante que um pacote de medidas sinalizado pelo ministro da Fazenda, Guido Mante-

ga, sobre redução de taxas de juros nas dívidas dos estados. “Um grande entendimento nacional está se avizinhando”, disse.

SINAL VERMELHO

No balanço do quadrimestre, o secretário revelou que, dependendo do critério de cálculo, o Estado está gastando mais com pessoal do que o permitido pela Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF). Se considerar o acórdão do Tribunal de Contas do Estado, que permite descontar das despesas as aposentadorias de servidores e desconto de imposto de renda, a despesa fica em 53, 28%, somando os gastos de todos os Poderes. Se a conta não levar em consideração o critério do TCE, o gasto sobe para 62% da receita líquida do Estado, disse. Hauly afirmou que o percentual reproduz o total dos Poderes, mas é no Executivo que está o excesso, gastando 53,44% da receita. De acordo com o secretário, a saída é aumentar a arrecadação. Mas não será com aumento de impostos, garantiu. “Será por entendimento de projetos e programas”, afirmou. Questionado durante a audiência pública pelo líder da oposição, Ênio Verri (PT), se o governo irá

cumprir a promessa do governador Beto Richa de zerar as perdas salariais dos professores da rede estadual e pagar as promoções salariais dos policiais previstas em emenda constitucional, o secretário respondeu que os compromissos serão respeitados. Mas sem prazos. “Não pode ser agora”, resumiu.

EQUILÍBRIO

Hauly responsabilizou o governo anterior pela ausência de novos investimentos no Estado neste primeiro semestre. Afirmou que, além do suposto déficit de R$ 4, 5 bilhões nas contas herdados da gestão de Orlando Pessuti e Roberto Requião, do PMDB, o novo governo sofre o impacto da antecipação de créditos de ICMS realizadas em 2010. “A liberação excessiva de créditos provocou um redução considerável de receita. Em 2010, foram concedidos R$ 614 milhões, o dobro de 2009”, comparou. Conforme o secretário, nestes seis primeiros meses, o governo conseguiu equilibrar a contas com um regime de contenção de gastos. “Estamos colocando a casa em ordem”, disse.

PANORAMA POLÍTICO

PEDRO WASHINGTON prpress@terra.com.br

Lição de grandeza Para a política miúda que se pratica, não só no Brasil, a carta da presidenta Dilma Rousseff inserida no site em homenagem aos 80 anos de Fernando Henrique Cardoso, é uma lição no mínimo de boa educação. Afinal, não se pode esquecer que, embora as diferenças políticas que os separam, FHC dirigiu este país por oito anos, o mesmo tempo que Lula, herdeiro de seus melhores feitos, ignorou-o. Por oportuno, a coluna a reproduz na íntegra: “Em seus 80 anos há muitas características do senhor Fernando Henrique Cardoso a homenagear. O acadêmico inovador, o político habilidoso, o ministro-arquiteto de um plano duradouro de saída da hiperinflação e o presidente que contribuiu decisivamente para a consolidação da estabilidade econômica. Mas quero aqui também destacar o democrata. O espírito do jovem que lutou pelos seus ideais, que perduram até os dias de hoje. Esse espírito, no homem público, traduziu-se na crença do diálogo como força motriz da política e foi essencial para a consolidação da democracia brasileira em seus oito anos de mandato. Fernando Henrique foi o primeiro presidente eleito desde Juscelino Kubitschek a dar posse a um sucessor oposicionista igualmente eleito. Não escondo que nos últimos anos tivemos e mantemos opiniões diferentes, mas, justamente por isso, maior é minha admiração por sua abertura ao confronto franco e respeitoso de ideias. Querido presidente, meus parabéns e um afetuoso abraço”. Opinião da coluna: este foi um episódio raro em nossa política. Depois dessa missiva, FHC tem mais razões para reclamar de seus companheiros tucanos que não tiveram a competência de defender seu legado.

Retrocesso político O grave incidente em que se viu envolvido indiretamente o presidente da Assembleia Legislativa (AL), deputado Valdir Rossoni, indica que, apesar dos avanços, a política no Paraná ainda comporta episódios como esse atentado.

Reação prevista O “coronelismo” que vingava nos corredores da Casa de Leis do Paraná, sabe-se agora, não seria desmontado sem reação. Felizmente, sem consequências, a não ser o alerta para o alto risco de se mexer em “caixa de marimbondo”.

Investigação séria Cabe à Secretaria de Segurança uma investigação séria que leve ao autor, que tudo indica ser preposto. É necessário que o governo coloque na investigação seus melhores quadros, de vez que um delegado de União da Vitória, com menos recursos técnicos, não será a pessoa indicada para uma ação dessa importância.

Sem dúvidas É fundamental o esclarecimento do atentado, até para não pairarem dúvidas sobre as muitas pessoas envolvidas nas ações da atual Mesa Diretiva da AL. Motivos para descontentamentos, muitos teriam. Daí a importância de se identificar o autor material, através do qual se chegará ao mentor intelectual.

Novos e grandes... As informações sobre vultosos investimentos a serem realizados em Pontal do Paraná pela iniciativa privada trazem alento a todo o litoral do Paraná. Desde a construção de nova rodovia aos mais de 4,5 mil empregos que serão gerados. Pontal vai se transformar em importante polo industrial, com reflexos em toda a orla paranaense.

... investimentos As boas novas econômicas começam a aparecer. A par dos contratos da empresa de Eike Batista para o Pontal, o prefeito curitibano Luciano Ducci recebeu em Gotemburgo a informação de que a unidade industrial da Volvo em Curitiba vai produzir ônibus híbridos (biodiesel-elétrico). Biodiesel, por sinal, será o objeto de produção da usina a ser implantada na Lapa.

Em choque Um detalhe interessante sobre a carta da presidenta Dilma pelo aniversário de FHC: a primeira versão da carta tinha sido produzida por Antonio Palocci, antes da divulgação dos fatos que levara a sua saída da Casa Civil. Vários ministros participaram do texto final, que, na visão dos petistas, é de conteúdo político.


POLÍTICA

QUARTA-FEIRA, 15 DE JUNHO DE 2011

O PRESENTE | 05

EM TOLEDO

Ademir Bier avalia construção de presídio industrial Conforme parlamentar, a obra vai contribuir para acabar com a superlotação em delegacias da região

A

secretária de Justiça e Cidadania do Paraná, Maria Tereza Uille Gomes, estará em Toledo na segunda-feira (20), ocasião em que fará uma exposição técnica sobre o projeto de construção de um presídio industrial regional no município, bem como avaliará áreas

Arquivo/OP

que serão sugeridas para receber a obra, conforme as especificações do projeto. O projeto prevê uma área total de dois alqueires para a instalação da unidade e deverá abrigar 800 presos em regime fechado e 300 em regime semiaberto. No local serão produzidos artefatos de concreto, utilizando cimento, areia e brita e também restos de construção civil, promovendo a reciclagem deste tipo de material. O presídio deverá contribuir para desafogar a superlotação em delegacias da região, além de auxiliar na ressocialização dos presos enquanto cumprem as suas penas. Inicialmente, a informação era de que a obra pudesse ser construída ou em Toledo ou em Marechal Cândido Rondon. No entanto, o que se percebe pelas negociações é que está praticamente definido que a unidade será de fato edificada em uma área de que deve ser cedida pela prefeitura toledana. O deputado estadual Ademir Bier, que integra a Comissão de Segurança Pública da Assembleia Legislativa, da qual já foi presidente, avalia que não importa qual município receba o presídio. O importante, destaca, é que a obra contribua para acabar com a superlotação em delegacias da região, que se tornou algo perigoso devido às condições precárias e constantes fugas. “O difícil é ter cadeiões do jeito

Deputado estadual Ademir Bier: “Não é possível tirar as cadeias públicas da calamidade sem a construção de um presídio”

que estão, mas um presídio com todas as condições modernas só alavanca a região. A obra será importante, pois vai atender a microrregião, que conta com muitos presos que cometeram crimes federais”, menciona.

PARCERIA

O parlamentar também destaca a presença da secretária Maria Tereza

Uille Gomes em Toledo na próxima semana. Ele comenta que é preciso enaltecer ainda a parceria entre os governos municipal, estadual e federal para viabilizar a obra. “Não é possível tirar as cadeias públicas da calamidade sem a construção de um presídio. Lamentavelmente, em vez de construir escolas precisamos construir presídios”, declara.


POLÍTICA

06 | O PRESENTE

QUARTA-FEIRA, 15 DE JUNHO DE 2011

PRIMEIRA VISITA OFICIAL

Presidenta Dilma vem ao Paraná para lançar o Plano Safra

Ministra-chefe da Casa Civil, Gleisi Hoffmann, deve acompanhar a visita. Elas devem se reunir com agricultores do Sudoeste do Estado no dia 30

A

presidenta Dilma Rousseff virá ao Paraná no dia 30 para lançar o Plano Safra da Agricultura Familiar 2011/2012. Será a primeira visita oficial da

presidenta, depois de assumir o cargo em janeiro. O lançamento acontece em Francisco Beltrão, Sudoeste do Estado, e contará com a presença do ministro do Desenvolvimento Agrário, Afonso Florence, e da ministra-chefe da Casa Civil, Gleisi Hoffmann. O governo vai disponibilizar uma linha de crédito de até R$ 16 bilhões para os agricultores de todo país. O valor é o mesmo do Plano Safra anterior, isso porque nem todos os recursos foram utilizados nas últimas safras. A principal mudança, no entanto, deve ser a

simplificação das operações de crédito rural para a safra que começa em julho. Um exemplo é a redução e unificação das taxas anuais de juros, que agora serão 1% para empréstimos destinados a investimentos até R$ 10 mil e 2% para valores acima de R$ 10 mil. Na safra atual, as taxas variam de 1% a 4%. Durante o evento, Dilma deve se encontrar com aproximadamente duas mil pessoas que participam do 2º Encontro Estadual de Habitação para a Agricultura Familiar, promovido pela Cooperhaf, cooperativa habitacional do setor.

Governo estadual desiste de alugar aviões e restringe número de viagens O governador Beto Richa desistiu de licitar o aluguel de locação de aeronaves pelo Estado. O edital para a locação havia sido aberto na última segunda-feira (13), mas, segundo o líder do governo na Assembleia, deputado Ademar Traiano (PSDB), já foi cancelado. Traiano disse que o governo concluiu que o aluguel não é a modalidade mais correta para resolver o problema do deslocamento das autoridades estaduais. Sem avião para o transporte aéreo das autoridades, o governo locou, com dispensa de licitação,

alegando urgência, um avião a jato e um helicóptero por três meses, o contrato, que é alvo de pedido de informações da Assembleia Legislativa, venceu na última sexta-feira (10). “O cancelamento da licitação programada para a locação de aeronaves se deu para se adotar uma nova modalidade”, disse Trainao, que defende a aquisição de um novo avião para o governador Beto Richa. “Em um Estado da importância do Paraná, o governador não pode ficar sem avião. Às vezes o governador é chamado com urgência para reuniões

com ministros ou com a presidente em Brasília e não pode ficar a mercê dos vôos comerciais. Beto também comanda o processo de negociação com investidores que querem se instalar no Estado. Esses negócios, que podem resultar em bilhões em investimentos e milhares de empregos e demandam agilidade”, disse. Traiano informou, também que, enquanto não se chega a uma solução, o governador Beto Richa restringiu as viagens no governo e quem precisar se deslocar por longas distâncias fará em voos de carreira.

Moura quer saber se voto será secreto ou aberto para indicado ao TCE O deputado estadual Nereu Moura (PMDB) irá pedir, oficialmente, ao presidente da Assembleia Legislativa (AL), Valdir Rossoni (PSDB), que esclareça se a eleição para a escolha do novo conselheiro do Tribunal de Contas do Estado (TCE) será feita em voto aberto ou secreto. Embora a eleição anterior, de Maurício Requião, em 2008, já tenha sido feita com declaração de voto de todos os deputados, Moura disse que há um confronto entre as legislações federal e estadual, que precisa

ser contornado. Enquanto a Constituição Estadual prevê o voto aberto para a eleição de conselheiros, a Constituição Federal determina o voto fechado para a escolha dos ministros do Tribunal de Contas da União (TCU). É a mesma norma estabelecida no regimento interno da Assembleia Legislativa, afirmou o deputado peemedebista. Ele justificou que é importante o presidente da AL decidir sob qual orientação vai conduzir o processo. “É preciso esclarecer a regra do jogo. Não pode ser um

processo nebuloso”, justificou. Uma das irregularidades apontadas em ações judiciais que contestaram a indicação de Maurício foi justamente o caráter secreto da votação. Embora não tenha sido esta a razão da anulação da eleição de Maurício pelo presidente da AL, Moura acha que é um ponto a ser pacificado antes da votação em plenário. Rossoni cancelou a indicação justificando que a votação foi feita antes da aposentadoria oficial do então conselheiro Henrique Naigeboren.

Ayrton Baptista O TRATOR ESTÁ NO VIZINHO Colega por poucos meses da senadora Gleisi Hoffmann, Demóstenes Torres, do DEM de Goiás, qualificou-a de trator. Isto, na despedida para que a paranaense estivesse liberada em assumir a chefia da Casa Civil. É que Gleisi em pouco tempo, com simpatia e gentilezas, soube proceder com firmeza na defesa do governo Dilma Rousseff, não faltando solidariedade ao ex-presidente Lula. Tudo em termos regimentais. Eis que em seguida a presidenta Dilma nomeia a exsenadora Ideli Salvatti para a Secretaria de Relações Institucionais, a ligação do Palácio do Planalto com o Congresso Nacional. Pronto, Gleisi foi desbancada, pois o verdadeiro trator é a sua vizinha de Santa Catarina, que vinha respondendo pela Secretaria da Pesca. Na verdade, ex-líder do governo Lula, Ideli (ela não sabe, ainda, se poderá ser Idelizinha, paz e amor) foi o verdadeiro trator, pois durante todo seu mandato foi uma defensora intransigente da governança petista, com ou sem razão, na base de sendo amigo, é bom. Daí duvidar-se, até prova em contrário, de como mudar tão rapidamente e passar a ser uma conciliadora. Os deputados do PT queriam um parlamentar mais cordato, que soubesse ouvir e que ficasse acima dos interesses mais pessoais em favor do todo governamental. Para tanto, seria, como é necessário transigir. E o PT, na Câmara, como também, no Senado, tem lideranças capazes de fazer com sucesso esse papel. A preferência, entretanto, recaiu sobre Ideli Salvatti, ficando a senadora Gleisi Hoffmann encarregada de encaminhar as questões governamentais, inclusive a cobrança perante outros ministérios. Sobre a senhora Gleisi Hoffmann e a importância de sua designação já se falou sobejamente. Ainda mais juntando seu marido, das Comunicações, e Gilberto Carvalho, da Secretaria Geral. O Paraná está bem representado, batendo recorde na “invasão” ministerial. Há, entretanto, que se entender que os três são ministros da República e que terão também obrigações de olhar com carinho para outros Estados. Entretanto, políticos os três, cada um deverá saber cuidar do seu rincão, influindo em decisões importantes ao Estado que representam no governo central. Houve tempo, até nem muito, em que o Paraná obtinha uma vaga de ministro em governos, desde Munhoz da Rocha e Aramis Athayde, Agricultura e Saúde, respectivamente, com Café Filho em 1955. Os dois e os que os seguiram em outros governos lamentavam, entretanto, a falta de uma assessoria capacitada em funções de importância nos ministérios. Mais ainda, houve época em que sequer uma pessoa no protocolo era levada, capaz de ajudar na localização de processos de interesse e de encaminhamento mais veloz aos setores de cada pasta. A tecnologia e a ousadia dos políticos de hoje permitem ou hão de permitir a representatividade paranaense na indústria e no comércio, na agricultura e em iniciativas governamentais importantes. Ninguém deseja um tapete vermelho exclusivo. Mas que, a exemplo de representações políticas mais acostumadas e ousadas no trato com o Planalto, o Paraná possa desfilar sem acanhamento. Cresce a nossa representação. É importante que os congressistas acompanham os novos tempos. Os ministros e os congressistas podem se dar às mãos e seguir na mesma direção. Política sim, mas os nossos interesses acima de picuinhas. * O autor é jornalista em Curitiba abcom@abcom.com.br


GERAL

QUARTA-FEIRA, 15 DE JUNHO DE 2011

O PRESENTE | 07

MARECHAL RONDON

Vereadores querem imediata aplicação da Emenda 29

Emenda determina a implantação do subsídio como forma de remuneração dos policiais e bombeiros militares do Paraná. Prazo para implementação venceu em abril

O

s vereadores de Marechal Cândido Rondon assinaram em conjunto requerimento aprovado na sessão ordinária da Câmara Municipal, na segunda-feira (13), na qual solicitam o envio de moção de apoio ao governador do Estado visando à aplicação imediata da Emenda 29, que determina a implantação do subsídio como forma de remuneração dos policiais e bombeiros militares do Paraná. Segundo os edis, o prazo de

180 dias para implementação venceu em 28 de abril último, sendo que até o momento nenhuma ação concreta foi tomada no sentido de aplicar o que determina a legislação em vigor. “É importante ressaltar que a Emenda 29 garante aos policiais e bombeiros militares uma remuneração mais justa e, consequentemente, um profissional motivado, motivo pelo qual manifestamos apoio, para que a mesma seja imediatamente aplicada no Estado do Paraná”, declaram.

Albenice pede melhorias nos loteamentos Jussara e Gralha Azul

Maria Cristina Kunzler

Por meio de indicação aprovada na sessão ordinária de segunda-feira (14), o vereador Albenice Pinto de Souza sugere que o Executivo de Marechal Cândido Rondon, através do setor competente, viabilize melhorias com solo brita nas vias públicas dos loteamentos Jussara e Gralha Azul. De acordo com o edil, as melhorias com solo brita garantirão boas condições de trafegabilidade em qualquer situação climática ou período do ano, até que estas ruas sejam pavimentadas

com pedras irregulares ou com asfalto. “Portanto, diante da importância da matéria, sugerimos que o presente pleito seja atendido com a maior brevidade possível, resolvendo os problemas em sua integralidade”, argumenta.

Roberto Requião (@requiaopmdb)

Senador do PMDB

Mercado interno forte e industrialização. Este é o caminho para o Brasil crescer mais. http://t.co/uDujHkX

Cristovam Buarque

(@Sen_Cristovam)

Senador do PDT

Querem fazer sigilo de documentos ficar eterno. Melhor queimá-lo, não gasta dinheiro guardando. É crime contra história.

Jorge Bastos Moreno (@RadiodoMoreno)

Jornalista de O Globo

Seguidores perguntam: é Michel ou Temer? Respondo: depois que começou a bater na mesa, o guru dele achou melhor usar mais o “Temer”.

Zeca Dirceu (@zeca_dirceu)

Deputado federal do PT

Pesquisa mostrou Dilma com boa popularidade. Quero ver a cara de pau dos deputados que iam à tribuna dizer que a população estava “indignada”.

Estadão

(@estadao)

Neymar nega boatos sobre Real Madrid: “Hoje, nada me tira do Santos” http://t.co/fQytDbJ

Marcos Fontes (@DelegadoFontes)

Delegado de Palotina

@DelegadogeralPR Dr.Michelotto o call center da Polícia Civil realmente fará a diferença em todo sistema comunicacional. Parabéns pela iniciativa.

Vereador Albenice Pinto de Souza: “As melhorias com solo brita garantirão boas condições de trafegabilidade em qualquer situação climática ou período do ano”

G1 (@g1) Miriam diz que Brasil deve financiar o crescimento através do agronegócio http://glo.bo/jwH2IY

Ratinho Junior (@ratinho_jr)

Deputado federal do PSC

cidade, mais precisamente na esquina da Avenida Rio Grande do Sul com a Rua Cabral, além da retirada de dois redutores de velocidade já instalados na referida avenida e do cancelamento da construção de uma travessia elevada para o local. “Recebi um abaixo-assinado em que diversos munícipes apoiam a sugestão para que seja instalado um semáforo na referida esquina, além de

promover a retirada de dois redutores de velocidade e de cancelar a construção de uma travessia elevada, conforme noticiado recentemente, pois a instalação de um semáforo organizaria corretamente o fluxo de veículos, garantindo a segurança de todos que passam pelo local, sejam pedestres, ciclistas, motociclistas ou motoristas”, afirma.

Josoé sugere repasse de terreno para Alvorada Social O vereador de Marechal Cândido Rondon, Josoé Pedralli, é o autor de indicação aprovada na sessão ordinária de segunda-feira (13) da Câmara Municipal, na qual sugere que a prefeitura inicie os trâmites técnicos, legais e burocráticos que permitam o repasse de um terreno, através de termo de concessão de uso, para a Associação Luterana Alvorada de Serviço Social, possibilitando assim a ampliação das atividades desenvolvidas pela enti-

Cinzas do vulcão chileno podem alterar datas da Copa América. http://t.co/f2ORn43

Dilma assume articulação e diz ter “afinidade com política” http://bit.ly/mOKtDD

Ila aponta melhorias para o trânsito rondonense A Câmara de Vereadores de Marechal Cândido Rondon aprovou, na sessão ordinária de segunda-feira (13), indicação apresentada pelo presidente Ilário Hofstaetter (Ila). Na matéria, o parlamentar aponta algumas sugestões para a prefeitura relacionadas ao setor de trânsito, como a viabilidade de mais um semáforo para atender a região central da

Jornal O Globo (@JornalOGlobo) Inadimplência reduz consumo da classe C no Brasil. http://t.co/58UxWe0

dade. “A Alvorada Social, criada oficialmente em 02 de maio de 2005, foi reconhecida como de Utilidade Pública Municipal através da Lei nº 3.678, de 06 de julho de 2006, além de ter sido declarada de Utilidade Pública Estadual pela Lei nº 15.653, de 02 de outubro de 2007. Trata-se de uma entidade que vem oferecendo às famílias carentes a inclusão social, por meio de práticas esportivas, artísticas, culturais, musicais e, aliado a isso, ensino vital e acompanha-

mento psicoterapêutico que seja aplicado à vida, para que confira qualidade de vida e bem-estar aos assistidos e na sociedade em que vivem”, justifica. Conforme o vereador, para que as atividades sejam ampliadas, fazse necessário ter a oportunidade de utilizar uma área/imóvel de propriedade do município e que seja localizada no Jardim Alvorada ou arredores, motivo pelo qual o edil apresenta a referida indicação.

Devido a diversos ocorridos semelhantes em todo o país, apresentei um projeto de lei que transforma o abandono de incapaz em crime hediondo.

Fábio Campana

(@fabiocampana)

Jornalista

Moraes garante que Fruet fica http://www.fabiocampana.com.br/?p=116152

no

PSDB

Hauly denuncia farra com precatórios no período Pessuti http://www.fabiocampana.com.br/?p=116178

João Luis Nogueira (@joaoluisrn)

Técnico do Deral

Crise na suinocultura tem suas raízes na dificuldade de ampliar consumo interno e na pauta de exportações, onde Rússia é destino de 40% do total.

Melhores Destinos (@passagensaereas) Viu a promoção da Copa? Tem passagem de ida+volta pro Canadá por R$ 735 e para os Estados Unidos por R$ 945 http://t.co/Y4Ml73E

Revista Veja (@VEJA) Última vítima de massacre em escola do RJ recebe alta http://migre.me/53sak

Orlando Pessuti

(@pessuti)

Ex-governador do Paraná

Senador Sergio Souza irá manter bandeiras defendidas por @gleisi e se empenhará na atuação dos debates do Código Florestal e reforma política.

O Jornal O Presente também está no Twitter. Acompanhe: twitter.com/o_presente (@O_Presente)


GERAL

08 | O PRESENTE

QUARTA-FEIRA, 15 DE JUNHO DE 2011

ENERGIA

Samek defende investimentos em novas usinas hidrelétricas Divulgação

Declaração foi feita em entrevista a jornalistas que estão em Foz cobrindo o Congresso da IHA 2011, considerado o maior evento do setor hidrelétrico mundial

O

diretor-geral brasileiro de Itaipu, Jorge Samek, defendeu ontem (14), em Foz do Iguaçu, a opção do governo federal pela construção de novas usinas hidrelétricas, como as dos rios Madeira e Tapajós, na região Norte do país. Para ele, os novos investimentos têm potencial para aliar desenvolvimento econômico e preservação do meio ambiente. A entrevista, no Centro de Recepção de Visitantes (CRV) da Itaipu, reuniu jornalistas que estão na

cidade para a cobertura do Congresso da IHA 2011, promovido pela Associação Internacional de Hidreletricidade (IHA, em inglês) em parceria com a própria binacional. O congresso, que começou ontem e vai até sexta-feira (17), é considerado o maior evento do setor hidrelétrico mundial. “Hoje temos de agregar, a cada três anos, uma Itaipu para sustentar o nível de crescimento que queremos”, salientou o diretorgeral brasileiro, lembrando que o consumo atual de energia do brasileiro é sete vezes menor que o do norte-americano e quatro vezes e meia abaixo que a média do europeu. “Isso significa que muitos brasileiros ainda não alcançaram o nível de consumo. E, para que isso aconteça, temos que dotar o Brasil de mais energia”. Samek lembrou somente 30% do potencial hidrelétrico são explorados no Brasil. Além disso, segundo ele, o país se dá ao luxo de ter disponível outras fontes de energia, como a proveniente da cana-de-açúcar e amplo potencial

eólico e solar. Sem contar as fontes não renováveis. “Todos os países queriam ter a matriz larga que nós temos. Podemos escolher”, comentou. No caso da hidroeletricidade, o diretor diz que além de ser uma fonte limpa e renovável, existe a vantagem de ser segura e confiável. “O problema do vento é o problema da solar: de vez em quando resolve fazer greve”, brincou Samek. “Acho que a energia solar será a energia do futuro. Mas, hoje, a segurança energética está na usina hidrelétrica”. O diretor-geral acrescentou que, além de viabilizar o crescimento econômico, os novos investimentos no setor podem melhorar a vida dos moradores das regiões atingidas e garantir a preservação do meio ambiente. O Programa Cultivando Água Boa (CAB), apresentado na coletiva pelo diretor de Coordenação e Meio Ambiente, Nelton Friedrich, foi citado como modelo. O programa beneficia 29 municípios da Bacia do Paraná 3, contem-

Diretor-geral brasileiro de Itaipu, Jorge Samek: “Acho que a energia solar será a energia do futuro. Mas, hoje, a segurança energética está na usina hidrelétrica”

plando uma população estimada de um milhão de habitantes. “Não há mais espaço para que empresas públicas ou privadas se ausentem da questão ambiental”, reforçou Friedrich. Também participaram da en-

trevista o prefeito de Entre Rios do Oeste, Elcio Zimmermann, presidente do Conselho de Desenvolvimento dos Municípios Lindeiros ao Lago de Itaipu, e Darci Miguel Schmidt, do comitê gestor da Bacia do Paraná 3.

Valorização da mulher será discutida durante encontro Na sexta-feira (17), o Centro de Eventos Werner Wanderer será palco de um evento destinado especialmente às mulheres de Marechal Cândido Rondon. Trata-se do Movimento “Nós podemos Paraná”, que, por intermédio da iniciativa do programa Sesi/ Atleta do Futuro, visa tratar sobre “A igualdade entre sexos e a valorização da mulher”, sendo que este é o terceiro Objetivo de Desenvolvimento do Milênio (ODM). O evento conta com o apoio da prefeitura, por intermédio das secretarias municipais, e do Conselho Municipal da Mulher Rondonense (Commur), além da parceria das escolas municipais e estaduais. A Copagril também terá uma participação através das mulheres cooperativistas. O principal objetivo é abordar a valorização da mulher e a igualdade entre os sexos com o público-alvo, pois o tema é um dos tópicos do “8 Jeitos de mudar o mundo”. Segundo o professor do programa Atleta do Futuro, Eder Tiago Melo, tal igualdade já existe no município principalmente nos graus de ensino porque atualmente se formam mais mulheres do que homens. Durante o encontro, também estão previstas apresentações teatrais,

sendo criadas e realizadas por alunos, musicais, de projetos e poemas. Além disso, haverá palestras sobre diferentes assuntos relacionados às mulheres como, por exemplo, as profissões que elas exercem, violência doméstica e psicológica, entre outros. O encontro acontecerá das 09 às 21 horas.

ENVOLVIMENTO De acordo com o professor Eder, a expectativa é reunir em torno de seis mil pessoas, pois todos os alunos do município vão estar envolvidos e a população rondonense também está convidada para participar. “O intuito é realizar um evento grande no qual possamos premiar a mulher rondonense e oportunizá-la de saber um pouco mais sobre a sua história, de como a mulher têm evoluído em nível nacional e mundial, quais as situações de riscos para elas, a violência psicológica, igualdade nos trabalhos, ou seja, qual o motivo de a mulher receber um salário menor que o homem, sendo que executam a mesma função e, às vezes, até com uma qualidade melhor”, explica Eder, acrescentando que o objetivo é mostrar diversas situações e, ao mesmo tempo, fazer com que os rondonenses valorizem de uma forma diferente a mulher.


QUARTA-FEIRA, 15 DE JUNHO DE 2011

GERAL

O PRESENTE | 09

PATO BRAGADO

Administração inicia prestação de contas no interior Fotos: Marili Besso

Aproveitando o encontro na Linha Barigui, governo municipal repassou cheque de R$ 10.915 mil para ampliação e melhorias na sede da associação

M

esmo com a realização de audiência pública para apresentação do balancete financeiro das metas com revelação dos gastos e investimentos do pri-

meiro quadrimestre desse ano, em cumprimento com o que rege a Lei de Responsabilidade Fiscal, no último dia 26, na Câmara de Vereadores, a prefeita Normilda Koehler, vice Luiz Alberto Rosinski, secretários e vereadores se dirigem às linhas do interior para apresentação dos trabalhos iniciais do ano. Ocorre que, apesar dos convites amplamente divulgados, a comunidade, em geral, não participa da prestação de contas e, cumprindo uma própria promessa de campanha, o governo tem mantido a iniciativa de ir até as comunidades, num gesto de aproximação e transparência.

Recebimento do cheque assinado pelo presidente Januário Kappes assistido pela prefeita Normilda, vice Rosinski, secretária de Finanças, Rovane Leindecker, e vereadores Dirceu Anderle, Gilberto Maehler e Pedro Hinkel

Números foram apresentados pela prefeita Normilda Koehler

A primeira comunidade visitada foi a Linha Barigui, na segunda-feira (13) à noite. Também foram convidados os moradores das Linhas Itapiranga e XV de Novembro. As prestações continuam nas demais linhas do interior com datas a serem marcadas. Conforme a prefeita Normilda Koehler, as informações foram apresentadas da maneira mais simples possível, esmiuçada e com diversos exemplos, uma vez que a administração espera que

as pessoas entendam o que é feito com o dinheiro público. A apresentação dos números, acrescida de diversas imagens das realizações, foi feita pela própria prefeita.

CHEQUE

A mandatária conta que a solenidade também foi providencial para o repasse de um cheque de R$ 10.915 mil ao presidente da Associação de Moradores da Linha Barigui, Januário Kappes. Segundo Normilda, nas presta-

ções realizadas no último ano, o governo municipal se prontificou a auxiliar as associações com recursos para ampliações ou reformas. A diretoria da Barigui, então, realizou o pedido, providenciando a documentação necessária. “Elaboramos o projeto que foi analisado pelo setor jurídico e encaminhado para a Câmara de Vereadores que aprovou a iniciativa”, comemora. Em contrapartida, pelo ato, Normilda e Rosinski foram homenageados pelos moradores.


GERAL

10 | O PRESENTE

QUARTA-FEIRA, 15 DE JUNHO DE 2011

CAMPANHA DO AGASALHO

Fernanda Richa estará amanhã em Entre Rios do Oeste Divulgação

Ela vai realizar no município a entrega de 600 cober tores para 300 famílias, além das 8.050 peças de roupas para as instituições sociais cadastradas no Cras municipal

A

Campanha Espalhe Calor 2011, do Governo do Estado em parceria com o Provopar Estadual, promove amanhã (16), durante todo o dia, a entrega de 3.920 cobertores e 32,2 mil peças de roupas para quatro municípios do Oeste do Paraná. A programação desta nova etapa da campanha tem início às 10 horas, em Ouro Verde do Oeste, onde serão entregues mil cobertores e 8.050 peças de roupas e agasalhos para 500 famílias em situação de vulnerabilidade social. Em seguida, às 13h30, a solidariedade paranaense estará no centro comunitário de São José das Palmeiras, para a entrega de mil cobertores e 8.050 peças de roupas. Serão beneficiadas 500 famílias. A terceira cidade a ser contemplada pelo Provopar é Diamante do Oeste, onde está prevista a entrega de 1.320 cobertores para 660 famílias, além de 8.050 peças de roupas

Diretora do Departamento de Assistência Social, viceprefeita Claudia Holzbach Mazieri: “As famílias que receberem a senha precisam comparecer no dia para a retirada dos donativos”

para entidades assistenciais do município. A entrega será às 14h30, no centro comunitário. A quarta e última entrega de agasalhos será às 16h30, na Casa da Cultura, em Entre Rios do Oeste. Serão entregues 600 cobertores para 300 famílias, além das 8.050 peças de roupas para as instituições sociais cadastradas no Cras municipal. A diretora do Departamento de Assistência Social, vice-prefeita Claudia Holzbach Mazieri, ressalta

que as famílias cadastradas em programas sociais junto ao Cras receberão senha para a retirada dos donativos e que as famílias que receberem a senha precisam comparecer no dia para a retirada dos donativos. A campanha deste ano vai até 31 de agosto e dá prioridade aos municípios de menor Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) e àqueles situados no chamado “corredor do frio”, onde são registradas as mais baixas temperaturas.

Palestra marca primeira ação do Conselho da Mulher Rondonense Aconteceu na segunda-feira (13) a primeira ação do Conselho da Mulher Rondonense (Commur) de Marechal Cândido Rondon, que foi marcada por uma palestra sobre a Lei Maria da Penha. O encontro foi realizado no auditório do paço municipal e contou com a presença da presidente do Commur, Clara Mécia Barbosa Lins, conselheiras do Commur e convidadas. A palestra, ministrada pelo

professor do curso de Direito da Unioeste campus de Marechal Rondon, Geones Miguel Lidesma Peixoto, teve o objetivo único de instruir as conselheiras sobre a Lei Maria da Penha, repassando diversas informações. Na oportunidade, também foi firmada uma parceria entre o Commur e o Núcleo de Prática Jurídica da Unioeste, representado na ocasião por Roberto Nassar. O Núcleo se colocou à disposição para atender

Abertas inscrições para Concurso de Fotografia em Nova Santa Rosa Quem gosta de fotografar temas direcionados à natureza, plantas ou animais pode selecionar suas melhores imagens e participar do Concurso de Fotografia. A 2ª edição intitulada “Biodiversidade: Um olhar através da Lente” é uma iniciativa da Secretaria de Educação, Cultura e Esporte de Nova Santa Rosa, em parceria com a Secretaria de Agricultura, Meio Ambiente, Indústria e Comércio. As inscrições seguem até o dia 10 de agosto e são gratuitas. As fotos deverão ser registradas em Nova Santa Rosa por pessoas que residem no município. O concurso tem a finalidade de sensibilizar para questões socioambientais, incentivar a capacidade de observação do meio natural, oportunizar o desenvolvimento da criatividade e divulgar as fotografias. Poderão ser inscritas até três fotos, coloridas, no tamanho 15x20, na Secretaria de Educação, Cultura e Esporte. No envelope, devidamente fechado, deverá constar a indicação: Concurso de Fotografias - 2ª edição. O mesmo deverá conter as fotos

e a ficha de inscrição que estará disponível no endereço www.ntmnovasantarosa.wikispaces.com - ou junto à Secretaria de Educação. A avaliação será realizada pelos educadores ambientais da Bacia do Paraná 3 e profissionais da área. Três critérios serão considerados na hora de analisar o material fotográfico: adequação ao tema proposto, criatividade e estética (foco, nitidez, qualidade).

RESULTADO

O resultado será divulgado na Semana da Pátria, no mês de setembro. Serão premiadas as dez melhores fotografias. O primeiro lugar receberá uma máquina fotográfica digital. O 2º, 3º e 4º colocado terão o direito de participar do Cultivando Água Boa, em Foz do Iguaçu. O 5º, 6º e 7º lugar receberão um ano de assinatura da revista Amigos da Natureza. Quem conquistar o 8º lugar será premiado com um álbum contendo a fotografia premiada. O 9º e o 10º lugar receberão um porta-retrato contendo a fotografia premiada.

AÇÃO DE COMBATE À DENGUE Divulgação

os casos que envolvem direitos violados das mulheres e que forem atendidos pelo Commur. Por outro lado, o Commur participa na sexta-feira (17) do Movimento “Nós podemos Paraná”, cujo tema deste ano em Marechal Rondon é “A igualdade entre sexos e valorização da mulher”. O evento será realizado no Centro de Eventos Werner Wanderer, das 09 às 21 horas. Vanderleia Kochepka

Registro da palestra que abordou a Lei Maria da Penha com as conselheiras e convidadas do Commur

Os alunos do Colégio Sesi, de Marechal Cândido Rondon, realizaram sábado (11) uma ação de combate à dengue, no estacionamento do supermercado Cercar. Eles apresentaram um equipamento que serve como uma armadilha para mosquito Aedes Aegypti, transmissor da doença, desenvolvido pelos alunos com material reciclável. A atividade contou com o apoio da Vigilância Sanitária, Secretaria de Educação e Supermercado Cercar. Os alunos também distribuíram folders e repassaram informações de prevenção ao foco do mosquito da dengue. Esta ação foi definida durante o Círculo de Diálogo realizado com os alunos do Colégio Sesi, em abril, sobre os Objetivos de Desenvolvimento do Milênio (ODM). O objetivo do Círculo de Diálogo foi incentivar os alunos a realizarem ações que contribuem para o alcance dos ODM nos municípios. Esta atividade contribui para o alcance do ODM 6 (Combater a AIDS, Malária e outras doenças).


QUARTA-FEIRA, 15 DE JUNHO DE 2011

GERAL

O PRESENTE | 11

GUAÍRA

Município vai trocar “terrenos” com a Marinha Fotos: Divulgação

Antiga prainha será doada para os militares e prefeitura anexará área que fica ao lado do Porto Sete Quedas

F

oi realizada sábado (11), na Câmara de Vereadores de Guaíra, uma audiência pública para discussão do projeto de lei 79/2010, de autoria da prefeitura, que autoriza o Poder Executivo a permutar imóvel de propriedade do município com uma área da Marinha do Brasil. O projeto foi encaminhado ao Poder Legislativo no dia 09 de dezembro do ano passado. “A Câmara tem todo o direito de analisar bem o projeto, é seu papel. Essa iniciativa de realizar uma audiência é louvável, faz parte dos trabalhos legislativos, já que dependemos do aval da Câmara para concretizar o ato com a Marinha. Nesse tempo todo, tenho certeza que os vereadores discutiram bastante, principalmente nas comissões em que o projeto foi encaminhado. Sábado foi a vez da população ter a oportunidade para opinar e conhecer melhor a proposta”, afirma o engenheiro agrimensor da prefeitura, Franz Jambersi. Estão em negociação a área da antiga “Prainha” (que pertence ao município) e o terreno que fica ao lado do Porto Internacional Sete Quedas (pertencente à Marinha). Segundo o prefeito Manoel Kuba, que participou da reunião, a troca será muito vantajosa para as duas partes. “Eu acredito que todos sairão ganhando. A ‘Prainha’ já não existe há muito tempo e a área está degradada. Será bom repassar esta área à Marinha porque eles vão estar mais próximos ao rio, com possibilidades de expansão física de área construída, e com certeza darão mais segurança ao local. O atendimento à comunidade ganhará muito com isso. Por outro lado, ganharemos uma área que nos interessa muito, mesmo porque temos interesse em aumentar o porto e, com isso, arrecadar mais.

A “Prainha” já não existe há muito tempo e a área está degradada: com o repasse da área à Marinha, esta estará mais próxima ao rio, com possibilidades de expansão física de área construída, proporcionando mais segurança ao local

Nós estamos investindo desde 2009 na revitalização de nossa área portuária. Nossa intenção é transformar o nosso porto em modelo de eficiência e em conformidade com as exigências do governo”, afirma. Para o capitão-de-corveta da Delegacia Fluvial de Guaíra, Elígio Guimarães de Moura, a permuta foi bem recebida dentro da esfera militar, que tem interesse em expandir seus trabalhos no município. “Sinto uma boa vontade muito grande dentro da Marinha com Guaíra. Nossa delegacia tem um papel muito importante, um volume de trabalho respeitável e está na faixa de fronteira, o que sempre atrai uma atenção especial. Nossa instituição está aqui há 80 anos, é mais velha que a própria cidade. Então, essa troca vai possibilitar que no futuro seja aumentado o nosso efetivo e consequentemente isso refletirá em melhorias no atendimento à população, o que é uma de nossas metas sempre. Também sou da opinião de que todos sairão ganhando nessa negociação. Para o município

é interessante porque estamos cedendo uma área ainda maior do que a que estamos recebendo, um espaço estrategicamente precioso, pois está ao lado do porto”, enumera. Para o presidente da Associação dos Moradores da Vila Velha, Celso Luiz Zeballos Mérida, era necessário tomar uma providência neste sentido. “Do jeito que estava não dava mais. Tentamos reativar o espaço transformando-o em um ponto de encontro, com bar, lanchonete, mas não deu certo por inúmeros motivos. A área toda está muito abandonada, precisa de uma intervenção. Acho que esta é uma boa saída. A Marinha poderá ficar mais presente na comunidade, ter mais espaço, mais contato mesmo. E enfim estaremos dando o tratamento que a área merece. Vejo com bons olhos a cessão e parabéns à iniciativa da prefeitura. A Marinha sempre foi, é e sempre será bemvinda na Vila Velha”, conclui. Os vereadores se comprometeram a colocar o projeto em votação.

MARINHA E COPEL TAMBÉM FARÃO TROCA

O delegado Elígio também explicou que a Copel e a Marinha entraram num acordo e também passarão por mudanças. Como o prédio da Copel pertence à União, houve consenso entre as partes e as respectivas sedes vão trocar de lugar. “Nós vamos nos mudar para o prédio da Copel e ficar com a área adjacente cedida pelo município. E, claro, a Copel passará a atender onde hoje e historicamente sempre foi a Marinha. Acho que vai valer a pena”, finalizou.


GERAL

12 | O PRESENTE

QUARTA-FEIRA, 15 DE JUNHO DE 2011

PATO BRAGADO

Comemorações do aniversário seguem com apresentações Divulgação

Espetáculo da Orquestra Feminina de Viola Caipira abriu as comemorações do aniversário, no domingo (12)

Ponto alto da programação acontece sábado (18), com ato cívico, culto ecumênico, apresentações culturais e o cor te de 21 bolos à comunidade

A

Orquestra Feminina de Viola Caipira da cidade de Toledo formalizou o início da programação alusiva ao 21º aniversário de emancipação política de Pato Bragado. A apresentação foi realizada no domingo (12), no centro cultural. A exemplo

dos demais anos, as atividades festivas serão coordenadas pela Secretaria de Educação e Cultura. A programação festiva segue hoje (15), a partir das 19 horas, com apresentações das oficinas culturais, como declamação, acordeon, danças, coral, oficina de ginástica rítmica da Secretaria de Esportes e de artes circenses do Projeto Piá Luz do Futuro (Secretaria de Assistência Social) do município, bem como de Toledo. O ponto alto será no sábado (18), data em que o município oficializa o aniversário. Nesse dia, a partir das 15 horas, a solenidade será cumprida com ato cívico, culto ecumênico, apresentações culturais locais e da Orquestra de Corda e Fole da cidade de Serranópolis do Igua-

çu, encerrando com o corte de 21 bolos à comunidade. Toda programação ocorre no centro cultural. Segundo a prefeita Normilda Koehler, é importante a participação da comunidade na programação. “São 21 anos de independência política. Temos muito a comemorar, principalmente a agradecer por todo trabalho e persistência das pessoas que assumiram a luta pela emancipação, além é claro dos prefeitos e vices que dirigiram o município durante todos esses anos”, avalia. A gestora conta que em pleno desenvolvimento, a comunidade vê nas obras que estão ocorrendo e as que serão inauguradas nesse mês, um pouco do que o governo municipal faz para a sua população.

14ª edição da JELL inicia hoje na Unioeste de Rondon O colegiado do curso de Letras-Português/Alemão/Espanhol/Inglês do campus da Unioeste de Marechal Cândido Rondon promove, entre hoje (15) e sábado (18), a 14ª edição da Jornada de Estudos Linguísticos e Literários (JELL), que desde 2008 possui abrangência nacional. A programação inicia às 13h30 de hoje com o credenciamento e entrega de material, sendo que a abertura oficial acontece à noite. A coordenadora do evento, professora mestre Nelza Mara Pallú, informa que este ano a Jornada contempla o tema “As línguas em diálogo: perspectivas e desafios na atualidade”. Em torno desta temática serão realizadas três conferências: o professor doutor José Carlos Paes de Almeida, da Universidade de Brasília (UnB), ministrará a palestra de abertura do evento sobre “Professores Profissionais e Aprendizes Conscientes de Línguas”; a professora doutora Clarissa Menezes Jordão, da Universidade Federal do Paraná (UFPR), ministrará a segunda

palestra sobre “Multiletramentos: o crítico e o relativo no ensino/ aprendizagem de línguas”; e o professor doutor Allan de Paula Oliveira, da Unioeste de Toledo, conduzirá a terceira palestra com a temática “Linguagem e poder”. Embora haja uma temática norteadora em cada JELL, o evento é plural ao envolver profissionais e acadêmicos de linguística, literatura, língua materna, línguas estrangeiras e ensino. A professora Nelza Mara lembra ainda que, durante esta edição, acontecerão mesas de debate, sessão de comunicações, oficinas, mostras literária de língua estrangeira dos acadêmicos do 4º ano de Letras, e momentos culturais organizados pelo Centro Acadêmico do curso de Letras do campus rondonense.

EXPECTATIVAS SUPERADAS

Segundo a coordenadora do evento, havia uma expectativa inicial de contar com a participação de cerca de 300 participantes. Porém, as inscrições ultrapassaram

este número e já atingiram 400 pessoas. “O tema propõe a abertura de um espaço para o diálogo para os profissionais de língua, tanto materna quanto estrangeira. Essa temática é bem presente na modernidade e, por isso, a JELL teve esse sucesso, bem como devido a todo o empenho dos organizadores. Isso também favoreceu para superarmos a expectativa inicial que tínhamos”, declara. A professora menciona ainda a importância da participação e do engajamento dos acadêmicos e da própria instituição, que ofereceu e deu condições para que o evento seja realizado da melhor forma possível.

INSCRIÇÕES

As inscrições para os ouvintes podem ser feitas até hoje. Informações sobre programação e inscrição podem ser acessadas no site www.unioeste.br/eventos/14jell ou diretamente no colegiado de Letras, pelo telefone (45) 3284-7845.

Nota Fiscal Eletrônica será tema de curso na Acimacar Integrantes do Núcleo de Informática da Associação Comercial, Industrial e Agropecuária de Marechal Cândido Rondon (Acimacar) e demais interessados estão convidados a participar do curso que a entidade promove sobre Nota Fiscal Eletrônica (NF-e). O treinamento fiscal inicia neste sábado (18) e prossegue até o dia 16 de julho, com aulas sempre aos sábados. O objetivo é repassar aos participantes que trabalham com sistema de escrituração fiscal e prestam serviços a clientes de atividades diversas conceitos sobre toda a área fiscal, abrangendo NF-e, NFSe, cupom fiscal, conhecimento de transporte, Sped Fiscal, procedimentos fiscais (arquivos magnéti-

cos, livros fiscais, impostos, guias, créditos tributários, entre outros). Com este treinamento os participantes estarão aptos a emitir documento fiscal e entender e aprender todos os procedimentos fiscais. A contadora tributarista Danieli Maria Corbari vai apresentar durante os cinco encontros um amplo conteúdo. Para mais informações ou para efetuar a inscrição, os interessados podem entrar em contato com o setor de treinamentos da Acimacar, pelo telefone (45) 3254-1299 ou pelo e-mail treinamentos@acimacar.com.br, lembrando que para os associados e integrantes do Núcleo de Informática o valor do investimento é diferenciado.


QUARTA-FEIRA, 15 DE JUNHO DE 2011

GERAL

O PRESENTE | 13

TRÂNSITO RONDONENSE

“Travessias são um novo sistema de segurança”, diz Moacir Vanderleia Kochepka

Ao todo, 15 pontos serão atendidos com a implantação

C

om o início da implantação das travessias elevadas em Marechal Cândido Rondon, por intermédio da Secretaria Especial de Coordenação de Programas em Segurança e Trânsito, o prefeito Moacir Froehlich verificou, ontem (14), o andamento dos serviços. Ele esteve acompanhado da secretária de Educação, Marta Salete Bendo, secretário de Coordenação e Planejamento, Mauro Donha, direção escolar, alunos e do representante da construtora. Os primeiros pontos escolhidos para a implantação das travessias elevadas são em frente ao Colégio Eron Domingues, Escola Municipal Bento Munhoz da Rocha Neto e da Feira do Produtor.

De acordo com o mandatário, as travessias são um novo sistema de segurança, ao invés da lombada, pois nelas as crianças poderão atravessar tranquilamente. “É um projeto inovador. Ao todo, são 15 pontos escolhidos até o momento, iniciando pelas escolas, mas há outros locais de grande importância onde serão implantadas as travessias em virtude do registro de carros em alta velocidade, travessia de pessoas de idade, portadoras de necessidades especiais e crianças. A nossa administração está fazendo o possível pelo bem-estar da população rondonense para que todos tenham condições de conviver harmonicamente”, expõe Froehlich. Além das travessias, outras obras já foram realizadas no município como a colocação dos semáforos e, a partir de agora, as travessias elevadas e a sinalização vertical e horizontal. Segundo o

Prefeito Moacir Frohelich, entre outros integrantes de sua equipe, vistoriou ontem (14) as obras das travessias elevadas. Na foto, visita à travessia que está sendo construída em frente à Feira do Produtor

prefeito, no momento em que os recursos, que já estão bem encaminhados por parte do governo federal, forem disponibilizados, será iniciado o recape das princi-

pais vias de Marechal Rondon, a exemplo do que foi feito na Avenida Maripá. “O imediato é a travessia elevada e depois outras obras complementares. Um

exemplo é a própria Avenida Irio Welp, para qual estamos buscando recursos. Ainda teremos muitas obras até o final do nosso mandato”, diz o prefeito.

Nova UPL vai gerar renda e empregos em Itaipulândia Novas leis incrementam segurança em Toledo

O prefeito de Itaipulândia, Lotário Knob, o secretário de Planejamento, Jeferson Machado, vereadores Adolfo Preis e Claudinei Vieira, encarregado da terraplanagem, Odair Benine, representantes da empresa Friella, Egidio Valiati e Marcio Pascoaloto, realizaram ontem (14) uma visita às obras da Unidade de Produção de Leitões (UPL). O serviço de terraplanagem está em fase de conclusão. Na sequência começam a ser montados os barracões. A UPL está sendo constru-

ída em uma área pertencente ao município, localizada no distrito de São José do Itavó. A obra foi licitada no valor de R$ 622 mil por parte do Poder Público municipal, para construção do barracão. De acordo com prefeito Lotário, a obra está sendo executada em quatro etapas e a empresa Friella, parceira da prefeitura, vai investir mais de R$ 2 milhões na execução total do projeto, que vai gerar aproximadamente 60 empregos diretos. A previsão é de que ainda

neste ano a UPL já comece alojar as matrizes. Sendo assim, os produtores associados à Friella receberão os leitões produzidos no próprio município. A empresa Friela conta com o frigorífico de suínos inaugurado em novembro de 2010 em Itaipulândia, em parceria com a municipalidade, gerando mais de 200 empregos diretos. Esta será a segunda Unidade de Produção de Leitões no município. A 1ª foi instalada em Santa Inês, em parceria com a empresa Lar. Divulgação

Lideranças da administração municipal e representantes da empresa Friella realizaram ontem (14) uma visita às obras da Unidade de Produção de Leitões (UPL): expectativa é de matrizes comecem a ser alojadas ainda este ano

Durante a movimentada agenda aberta dea segunda-feira (13), três leis foram sancionadas pela administração de Toledo. As duas primeiras referem-se à criação da Corregedoria e da Ouvidoria da Secretaria de Segurança e Trânsito (SST) do município. A outra novidade passa pela reestruturação do Conselho Municipal Sobre Drogas que, além da mudança de nomenclatura, passa a ter maior poder de decisão em relação às políticas públicas sobre o tema. O secretário de Segurança e Trânsito, João Vianei Crespão, classifica os novos órgãos como mecanismos de controle e exigências legais para que a Guarda Municipal possa constituir um grupo armado no futuro. “A corporação segue seu processo de profissionalização e de compromisso para oferecer melhor qualidade e maior proteção à população”, esclarece Crespão, contabilizando que existem hoje 148 integrantes entre agentes e guardas municipais. Em caráter permanente na administração municipal, a Ouvidoria funcionará como canal de comu-

nicação entre a sociedade e a SST, enquanto a Corregedoria servirá para apurar as eventuais infrações disciplinares cometidas pelos membros da Secretaria. O prefeito José Carlos Schiavinato afirmou que Toledo está integrado às políticas nacionais e que colocou o município à disposição para sediar o Batalhão de Fronteira. “Será um passo importante para se evitar a entrada de armas e drogas em nossa região. A administração também recebeu recentemente R$ 300 mil do Programa Nacional de Segurança Pública com Cidadania (Pronasci) que serão aplicados em cursos a serem ministrados no Centro da Juventude”, anunciou o prefeito, detalhando que apenas um grupo bem preparado da Guarda Municipal será armado. “Não é toda a corporação. Os selecionados deverão atender vários requisitos, prestar exames psicotécnicos e outras avaliações necessárias. A arma não é para ofender a integridade do cidadão, mas para protegê-lo. Todo este processo será feito rigorosamente dentro da lei”.


AGRONEGÓCIO

14 | O PRESENTE

QUARTA-FEIRA, 15 DE JUNHO DE 2011

AVANÇO

Produção de grãos deve aumentar 23% até 2021 Produção crescerá com base na produtividade, já que a área de colheita aumentará somente 9,5%

A

produtividade da agricultura empresarial brasileira vai continuar a garantir safras cada vez maiores, mas com uma expansão menor da área plantada até a próxima década. A participação da produção brasileira no comércio exterior deve aumentar ainda mais, ressaltando que o mercado interno mantenha-se como o principal destino dos alimentos produzidos no país. As estimativas constam do relatório “Brasil - Projeções do Agronegócio 2010/2011 a 2020/ 2021” do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), realizado em parceria com a Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa). “O país deve continuar a produzir alimentos para o nosso povo e outras nações do planeta. Isso mostra a importância e a força do setor agropecuário na economia brasileira”, aponta o ministro da Agricultura, Wagner Rossi. Ele lembra que o mundo vai precisar cada vez mais de alimentos e o Brasil é um dos poucos países capazes de ampliar a produção de alimentos sem comprometer seus recursos naturais. Rossi cita estimativas da Organização das Nações Unidas para Alimentação e Agricultura

(FAO), para quem o planeta terá de ampliar em 70% a produção de alimentos para garantir a segurança alimentar da população mundial. A oferta global de proteína animal e vegetal atualmente não é suficiente para alimentar todos os povos. “Cerca de 1 bilhão de pessoas passa fome na Terra”, lamenta o ministro.

POTENCIAL

O relatório foi produzido pela Assessoria de Gestão Estratégica do Ministério da Agricultura e coloca grãos e carnes como as principais apostas do Brasil para ampliar a produção e a exportação. Coordenado pelo pesquisador José Garcia Gasques, o documento indica algodão em pluma, milho, café, açúcar, soja em grão, leite, celulose, carnes de frango e bovina como os produtos agropecuários brasileiros com maior potencial de crescimento. De acordo com Derli Dossa, chefe da Assessoria de Gestão Estratégica, as projeções apontam o algodão como o produto que vai se destacar até a safra 2020/2021. “A estimativa é de aumento de 47,8% na produção e variação positiva de 68,4% nas exportações”, informa. Atualmente, o país produz 1,6 milhão de toneladas de algodão em pluma. A produção vai superar 2,3 milhões de toneladas em dez anos. Quanto à exportação do produto, os embarques subirão para 800 mil toneladas, em comparação às 500 mil toneladas de hoje.

PROMESSA

A região situada entre sul do

Maranhão, Norte do Tocantins, Sul do Piauí e Noroeste da Bahia - denominada Matopiba - é uma das promessas em que o Ministério da Agricultura aposta como a nova fronteira agrícola do país. “A região será um marco da agricultura do século 21 em função, inclusive, dos preços reduzidos da terra”, aponta Dossa. O ministério prevê aumento na produção de grãos em Matopiba. O salto será de 13,3 milhões de toneladas de grãos colhidos em 2010 para 16,6 milhões de toneladas no início da próxima década. Em compensação, a área de colheita deve aumentar de 6,4 milhões hectares para 7,5 milhões de hectares.

TECNOLOGIA

“A produção crescerá com base na produtividade. O Brasil tem mostrado que é possível elevar a produção sem ampliar o crescimento da área plantada, com investimentos em tecnologia”, destaca Rossi, que acrescenta: “A expansão da área de grãos no país se dará em percentual bem abaixo do seu crescimento histórico”. Segundo o estudo, o cultivo de grãos - arroz, feijão, milho, soja em grão e trigo - deve aumentar 23% até a próxima década, com expansão de apenas 9,5% da área plantada. A variação da área cultivada será inferior à média dos últimos dez anos, que foi de 21%. O volume produzido deve superar 175,8 milhões de toneladas em 2021. No ano passado, a safra foi de 142,9 milhões de toneladas.

Produção de frango pode crescer 30% O Brasil deve manter-se como um dos grandes fornecedores de proteína animal no mercado mundial de alimentos. De acordo com o pesquisador José Garcia Gasques, a produção de carnes de frango, bovina e suína deve aumentar 26,5% até o início da próxima década. O volume pode superar 31,2 milhões de toneladas. No ano passado, as carnes produzidas no país somaram 24,6 milhões de toneladas. Destes três tipos de carnes produzidas no Brasil, o frango deve se destacar, com perspectivas de aumento de 33,7% nas exportações e de 30% na produção.

Apesar de as estimativas do ministério apresentarem forte aumento das exportações dos produtos nacionais, o mercado interno continuará crescendo no ritmo atual, devido ao aumento da renda dos brasileiros. Na safra 2020/ 2021, 64,7% do cultivo de soja serão destinadas ao mercado interno. Gasques calcula que 85,4% da produção de milho deverão ser consumidos internamente. Quanto à produção de carne de frango, 67% não deverão sair do país. Já em relação à carne bovina, 83% serão também destinadas ao consumo nacional. Da suína, 81% terão o mesmo destino. Mesmo com aumento do

consumo interno, a tendência, segundo o estudo, será de aumento da inserção do Brasil no comércio mundial de alimentos. As projeções indicam que a participação da soja grão deve ser de 33,2% nos próximos dez anos. “Carne de frango deve chegar a 49,% e a carne bovina, 30%”, calcula Derli Dossa, chefe da Assessoria de Gestão Estratégica. Quanto às exportações, depois de algodão, leite e milho serão os produtos brasileiros com maior variação positiva, com ampliação de 50,4% e 56,4%, respectivamente, nas vendas para o mercado internacional.

“Projeções mostram país pronto para enfrentar desafio”, diz Rossi O ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Wagner Rossi, apresentou ontem (14) as estimativas para o agronegócio brasileiro na próxima década. Para ele, os números mostram que o Brasil está pronto para contribuir no grande desafio da economia mundial, que é enfrentar a fome. “Os organismos internacionais têm levantado a existência de uma população de 1 bilhão de pessoas que ainda passam fome”, observou Rossi, no lançamento das Projeções do Agronegócio 2010/2011 a 2020/2021, elaborado pela Assessoria de Gestão Estratégica (AGE) do Ministério, em conjunto com a Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa). “O Brasil tem potencial para se tornar o maior fornecedor de proteína animal e vegetal do mundo”, destacou. O ministro ressaltou que os dados apresentados são conservadores. Atualmente, o Brasil é o segundo maior fornecedor

no mercado internacional de alimentos, mas, segundo as projeções, se aproximará cada vez mais dos Estados Unidos, que detém a liderança. “Esta radiografia mostra que o Brasil, nos próximos anos, continuará a marchar firmemente em direção a essa meta, de se tornar o maior agente no mercado internacional de alimentos”, disse. A confiança do ministro na força da agricultura brasileira decorre da utilização intensiva de tecnologia e da situação do mercado internacional nos próximos anos. O cenário é de uma demanda maior por alimentos e em expansão, graças às mudanças no perfil econômico dos países, especialmente os emergentes, que antes tinham menos acesso à alimentação, sobretudo ao consumo de proteína. Ele destacou a importância das projeções para orientar a alocação dos recursos naturais, humanos e financeiros disponíveis da melhor maneira.

No G20, Brasil dirá não ao controle de preços de commodities O ministro da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Wagner Rossi, já tem em mãos o texto básico da proposta sobre a criação de mecanismos de estabilização dos preços agrícolas. O assunto será discutido em Paris, França, na reunião do G20, no próximo dia 22. Rossi disse que está estudando o documento e reiterou a posição brasileira contrária a qualquer tipo de controle de preços. “Só há uma maneira de estabilizar os preços agrícolas: é aumentar a produção. E o Brasil é um dos poucos países que pode conseguir esse resultado com aumento da produtividade, sem agredir o meio-ambiente”, afirmou. A Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação (FAO) e a Organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE) divulgaram estudo que prevê um cenário de alta nos preços das commodities na próxima década. Rossi ressaltou que o Brasil aceita discutir formas de regular os produtos financeiros lastreados no comportamento futuro dos preços agrícolas. “Alguma forma de regulação desse mercado pode ser estudada”, destacou. “É claro que quem compra, hoje, um papel atrelado à variação dos preços das commodities agrícolas está apostando na alta”, acrescentou.

Ele reconheceu que esses produtos financeiros podem contribuir para a instabilidade das cotações das commodities agrícolas. Segundo o ministro, o Brasil é a favor de outro ponto da proposta francesa: a criação de um estoque mínimo para garantir a segurança alimentar dos países mais pobres. Quanto à proposta dos franceses de exigir mais transparência na disponibilização de informações agropecuárias, Rossi lembrou que o governo brasileiro é transparente. Por intermédio do portal do Ministério da Agricultura na internet, todos os dados relevantes sobre a produção agrícola do país estão disponíveis ao público. O ministro disse que não vai levar ao G-20 a questão dos subsídios agrícolas concedidos pela União Européia à sua produção agropecuária. Mas, lembrou que esses subsídios também criam dificuldades para a estabilidade dos preços agrícolas. De acordo com Rossi, a posição brasileira não é a de competir com os produtores europeus, mas conseguir condições mais favoráveis para suprir a demanda por importação da União Européia. “Nós somos a favor do livre comércio por uma razão muito simples: o Brasil é mais competitivo em nove de dez produtos agropecuários em qualquer mercado”, disse.


VARIEDADES

QUARTA-FEIRA, 15 DE JUNHO DE 2011

O PRESENTE | 15

Mande sua sugestão, crítica ou piada para carina@opresente.com.br

*

QUARTA-FEIRA (15)

MALHAÇÃO

CORDEL ENCANTADO

MORDE E ASSOPRA

Lorelai e Theo terminam o namoro. Fred pede para falar com Duda sobre Josiane. Lúcio mostra a Catarina a gravação da conversa que teve com Pedro sobre Raquel. Babi briga com Maicon por causa de Flavinho. Theo é observado ao chegar ao colégio com a bicicleta de Lorelai. Fred pergunta a Andrea como é a amizade entre meninas e fica nervoso com os comentários dela. Rosana vai ao colégio para conversar com Tereza. Kátia pensa que Theo é namorado de Railda e se apresenta como filha dela. Catarina afirma para Pedro que está apaixonada por Guilherme.

Timóteo insiste com o tenente da volante para invadir o cinema. Cândida acusa Penélope de ter traído o bando e Bel fica inconsolável. Herculano, ferido, implora que Cesária o ajude. Úrsula se enfurece com Nicolau ao saber que Cecília está presa no cinema e que o capitão está ferido. Petrus fala com Zenóbio que ainda não recuperou sua memória. Nicolau ameaça contar todas as armações de Úrsula se ela for procurar Herculano. Cesária protege Herculano e não fala com Augusto ao sair do cinema. Jesuíno reconhece Herculano como pai e tenta impedir Batoré de levá-lo para a prisão.

Abner tenta se reconciliar com Júlia, mas ela o rejeita. Minerva ameaça processar o SPA. Kimmy entrega uma carta de Keiko para Wilson pedindo que ele leve sua filha para Hoshi cuidar. Tieko descobre que o contrato que fez com Keiko não vale nada. Salomé reclama de Natália para Marcos e ele briga com a esposa. Naomi robô conta para Salomé que Zariguim está carregando e ela vai atrás dele. Salomé encontra Zariguim desligado e o sequestra. Tieko avisa Akira que sua noiva fugiu. Salomé liga Zariguim e exige que ele lhe conte onde estão os diamantes. Abner confunde Celeste com Júlia e a beija.

INSENSATO CORAÇÃO André pede a Carol para passar a tarde com Antônio. Daisy se oferece para ir à casa de Beto procurar um contrato. Paula não dá atenção a Leila. Eduardo conversa com Alice sobre o término de seu namoro com Paula. William convence Beto a presentear Daisy. Wagner chega atrasado a uma reunião por causa de Léo. Natalie visita Gilda. Marina recebe fotos comprometedoras de Léo. Neném conta a Pedro que haverá uma festa em homenagem ao irmão. Ismael segue Pedro até a casa de Zeca. Zeca telefona para Léo assim que Pedro vai embora e Nando grava a conversa telefônica dos dois.

* Os resumos dos capítulos estão sujeitos a mudanças em função da edição da novela.

GÊNIO SURDO

FRANGO A RAIO X

O sujeito reclama com o garçom: - Poxa, eu pedi um frango a passarinho e o senhor me trouxe um frango ao raio x! - Desculpe, senhor! Frango ao raio x? Não temos esse prato no cardápio... - Pois deveriam! Deste frango só se veem os ossos!

GORJETA DE TURCO

E o turco saindo de uma boate enfiou a mão no bolso do porteiro e disse: - Isso é para você tomar um uísque! O porteiro, todo feliz, foi conferir o presente: eram duas pedrinhas de gelo!

TAMANHO DO PROBLEMA

Diz o locutor de uma rádio: - No último censo realizado pelo IBGE, ficou comprovado que a média da estatura brasileira é de 1,71 m e somente 1 a cada 10 mil brasileiros mede acima de 1,90 m. Ao que alguém comenta: - E é justamente este filho da mãe que senta na minha frente toda vez que eu vou ao cinema!

Um sujeito entra no bar e diz para o dono: - Eu queria que o senhor me pagasse uma bebida! O dono responde que não com o maior descaso. - Ah! Eu tenho aqui uma coisa impressionante e, se eu lhe mostrar, você me paga uma bebida? O homem fica intrigado e pede que ele mostre. O cliente tira do casaco um baralho com cerca de 30 cm de tamanho. O barman fica perplexo e, como nunca tinha visto um jogo de cartas tão grande, resolve pagar uma bebida ao homem. Alguns copos depois, o dono do bar resolve perguntar para o freguês onde é que ele conseguiu aquele baralho. - É que encontrei um gênio que concede desejos! O homem fica empolgado e pede ao homem que lhe mostre o gênio, para ele poder pedir alguma coisa também. O homem dá uma lâmpada ao sujeito, que esfrega até aparecer o tal gênio, dizendo o seguinte: - Vou lhe conceder um único desejo, mas seja rápido porque eu quero dormir de novo! O dono do bar, sem vacilar, pede a primeira coisa que lhe vem à cabeça: - Quero um milhão! Um milhão em notas! O gênio estala os dedos e, de repente, o bar fica entulhado de botas. - Botas? Eu pedi um milhão em notas e não em botas! Essa droga de gênio é surdo? O homem responde: - Claro! Ou você acha que alguma vez eu pedi um baralho de 30 cm?

Amendoim praliné Ingredientes:

meia colher (chá) de fermento em pó

2 xícaras (chá) de amendoim torrado

2 colheres (sopa) de chocolate em pó

1 xícara (chá) de açúcar

Modo de preparo: Em uma panela de fundo largo, coloque o amendoim, o açúcar, o fermento, o chocolate e meia xícara (chá) de água. Leve ao fogo médio, mexendo de vez em quando. Quando começar açucarar, mexa vigorosamente, sem parar, até secar bem. Retire do fogo e deixe esfriar em uma assadeira

ÁRIES: Comunicação, conhecimento, contatos e percepção do rumo dos acontecimentos. Questões envolvendo pessoas próximas precisam ser esclarecidas. Momento delicado. TOURO: Momento muito importante para a percepção do que é valioso e essencial em sua vida. Ter não garante segurança ou estabilidade. Riscos e mudanças fazem parte da evolução. GÊMEOS: O foco atual está em buscar equilíbrio entre a individualidade e os relacionamentos. Evoluir nas relações significa se abrir aos grandes ensinamentos do atual período. CÂNCER: Aprenda com o passado para não repeti-lo. Abençoe os ensinamentos. Neste momento um capítulo de sua história está se encerrando. E outras possibilidades se abrem. LEÃO: Liberdade não é fazer o que quer, desconsiderando os vínculos emocionais. Aprendizados sobre o amor e a amizade acontecem neste momento e deixam marcas importantes. VIRGEM: Muitas são as possibilidades e as demandas profissionais neste momento. Momento muito importante, com acontecimentos envolvendo viagens, família, emoções e trabalho. LIBRA: Expandir os horizontes não é somente uma possibilidade, mas uma necessidade. Por meio de viagens, conhecimentos, leituras e conversas poderá encontrar o sentido que tanto busca. ESCORPIÃO: Questões que envolvem recursos próprios e compartilhados estão em voga. Dia em que se intensificam as emoções e as percepções. As coisas ficam mais claras. SAGITÁRIO: Acontecimentos grandiosos estão se processando. Você pressente, mesmo que não saiba explicar. Questões importantes devem ser conversadas nos relacionamentos. CAPRICÓRNIO: Lidar com a intensidade dos atuais acontecimentos não é simples. O melhor a fazer é respeitar o caráter sagrado do atual momento, refletindo e observando. Convívio coletivo. AQUÁRIO: A sensação de que algo muito importante está a caminho não é falsa. Você tem facilidade de captar sinais que revelam o que está acontecendo com muitas pessoas. PEIXES: Mudanças internas levarão a transformações nos propósitos de vida, como também na profissão. Se você está insatisfeito com a carreira ou com a vida privada, chegou a hora de mudar.


16 | O PRESENTE

QUARTA-FEIRA, 15 DE JUNHO DE 2011

LORENA KUNZLER lorena@opresente.com.br

Leila Fotografias

Leila Fotografias

Toda beleza de Michele Schmidt, captada pela lente de Leila

SEXTA UNIVERSITÁRIA NO DON DIEGO CLUB A Maiko Bucker Eventos e Don Diego Club de Marechal Cândido Rondon apresentam a festa sertaneja Sexta Universitária. A festa será organizada pelo 5º semestre “B” de Administração da Falurb. A programação contará com show com Sidi e Banda + DJ. Ingressos antecipados podem ser adquiridos com os acadêmicos do 5º semestre “B” da Falurb ou no Pátio Camilo.

CURSO DE QUÍMICA PROMOVE SHOW Em comemoração ao Dia do Químico, a ser festejado no domingo (18), e ao Ano Internacional da Química, o curso de Química do campus de Toledo da Universidade Estadual do Oeste do Paraná (Unioeste) vai realizar inúmeras atividades com a comunidade, na sexta-feira (17), no Shopping Panambi, em Toledo. Esta atividade pretende levar a Química até a comunidade em geral por meio de atividades e ações em espaços públicos com o objetivo de desmistificar a imagem do cientista como algo distante da realidade popular e mostrar que a Química está presente no nosso dia a dia.

Filho de peixe peixinho é. O recém formado em Odontologia Jean Werlang, filho do casal de dentistas Marcos e Darlene Werlang

Dia 15: Alexandre Dinnys Roese Dia 15: Alexandre Priesnitz Dia 15: Condila Blasi Dia 15: Ivonete Tonin Dia 15: Josiane Giesel Dia 15: Jusse Mara Rosso Dia 15: Laércio Ceretta Dia 15: Márcia Carine Pauli Dia 15: Marta Donha Dia 15: Moacir Pires Dia 15: Osmar Hanz Schmidt


SOCIAL

QUARTA-FEIRA, 15 DE JUNHO DE 2011

O PRESENTE | 17 Divulgação

A assistente social Marli Wollmann, de Pato Bragado, e a vice-prefeita de Entre Rios do Oeste, Claudia Holzbach Mazieri, que estiveram recentemente em Brasília para acompanhar as discussões referentes ao lançamento do projeto Observatório do Crack. Na foto, com a ministra-chefe da Casa Civil, Gleisi Hoffmann

MESTRADO EM FILOSOFIA Seguem até sexta-feira (17) as inscrições para a seleção de alunos especiais para as disciplinas que serão ofertadas no segundo semestre do Programa de Mestrado em Filosofia, oferecido no campus de Toledo da Universidade Estadual do Oeste do Paraná (Unioeste). Leila Fotografias

SOMOS IGUAIS. PRECONCEITO NÃO A exposição fotográfica itinerante “Somos iguais. Preconceito não”, que reúne artistas brasileiros renomados em prol da luta contra a Aids, está instalada no anfiteatro da Faculdade Assis Gurgacz (FAG) e ficará exposta até sextafeira (17). A exposição traz imagens de abraços e beijos entre celebridades e jovens que vivem com HIV, para demonstrar que amor, carinho e respeito não transmitem o vírus. Entre os artistas que cederam suas imagens estão Reynaldo Gianecchini, Luana Piovani, Rodrigo Santoro, Milena Toscano e Carolina Ferraz. Sábado (18) a mostra chega ao Cascavel JL Shopping. Durante os dias da exposição serão realizadas palestras educativas, distribuição de materiais informativos, oferta de preservativos e testes rápidos.

Marta e Iomar Bauerm ann com os filhos Henrique e Rafael, que aniver sariou recent ement e


POLICIAL

18 | O PRESENTE

QUARTA-FEIRA, 15 DE JUNHO DE 2011

CONTRABANDO DE CIGARRO

Agricultores que se beneficiam podem perder suas terras U

De acordo com a Receita Federal, é aplicada multa de R$ 2 por car teira de cigarro encontrada na propriedade. Cada pacote de cigarro tem dez carteiras, totalizando R$ 20. Já a caixa soma R$ 1 mil

m crime lucrativo, mas que tem seus riscos. O contrabando de cigarro, comum na região, atrai muitas pessoas pelos lucros exorbitantes. Para se ter uma ideia, no Paraguai a caixa de cigarro (500 carteiras) Eight Box, um dos mais procurados, custa em torno de US$ 133 (R$ 214) ou R$ 0,42 por carteira (dólar cotado a R$ 1,61). Esta carteira de cigarro é vendida por cerca de R$ 1,50 em cidades da fronteira com o Paraguai, como Marechal Cândido Rondon, totalizando R$ 750 a caixa. O lucro é de aproximadamente R$ 536 por caixa. Este lucro fica dividido

entre os donos das cargas e vendedores, descontando o dinheiro da logística, que inclui a “folha de pagamento” dos transportadores, “chapas”, policiais corrompidos e dos agricultores que cedem suas propriedades para armazenar as cargas. Estes últimos, porém, correm um sério risco - o de perder suas propriedades. O inspetor-chefe da Receita Federal (RF) em Guaíra, Hussein Jaha, falou com a reportagem de O Presente ontem (14) sobre o assunto. De acordo com ele, a multa que a RF aplica para a pessoa responsável pelo cigarro é de R$ 2 por carteira. Cada

pacote de cigarro tem dez carteiras, totalizando R$ 20. Já a caixa soma R$ 1 mil. “Essa multa é aplicada quando se localiza cigarro estrangeiro no Brasil sem comprovação de importação regular”, comenta.

AUTUADO Conforme Jaha, a multa vai para o dono do bem, móvel (como carro) ou imóvel (como casa e chácaras), onde for encontrado o cigarro. “A não ser que um terceiro assuma e pague a multa, mas se não tiver ninguém no local, a princípio vai para o dono do imóvel”, explica o inspetor.

“Se o cigarro estiver na casa do cara, ele comprovar que alugou para terceiro, o terceiro tiver um contrato, o terceiro leva a culpa”, exemplifica. A pessoa multada, no caso de o cigarro ser encontrado em imóvel, pode perder o bem, acrescenta. “A multa vai ficar em nome da pessoa. Se ela não pagar, a multa vai para a procuradoria (da União) e entra na dívida ativa e depois vai para a execução. Se a pessoa não pagar, o juiz pode arrolar bens dela para pagar a dívida. É uma dívida com o governo e chega um ponto que os bens da pessoa podem ir a leilão”, ressalta.

Procurador diz que legislação é frágil para perda da propriedade Fotos: Divulgação

A pena para o contrabando ou descaminho é de reclusão, de um a quatro anos (ver box). Ao contrário do plantio de culturas como a maconha, cuja Constituição prevê desapropriação do imóvel (ver box), a disponibilização de área para armazenamento de contrabando não tem uma pena legal, a não ser a administrativa já citada. Para efetivação desta, porém, a União enfrenta problemas. De acordo com o pro-

curador da República em Umuarama, Robson Martins, a grande dificuldade do Ministério Público está em comprovar a relação entre a propriedade e o crime. “Pode ser dado perdimento numa propriedade dessa (usada como depósito de contrabando)? A rigor sim, mas o Ministério Público tem que provar a relação do contrabando com a propriedade”, ressalta. Segundo ele, provar essa relação no contrabando é mais difícil Umuarama Ilustrado

Procurador Robson Martins: “Tenho que provar que a pessoa ganhou dinheiro com o contrabando e comprou a propriedade com ele”

É comum a Polícia Federal encontrar centenas de caixas de cigarro em propriedades às margens do Lago de Itaipu

do que nos casos de tráfico. “Se pegar na propriedade uma plantação de maconha, nem se justifica se ele comprou ou não a propriedade com o dinheiro da maconha. Já no contrabando é mais difícil. Tenho que provar que a pessoa ganhou dinheiro com o contrabando e comprou aquilo (propriedade), ou que a finalidade única da propriedade seja o contrabando”, informa. “O veículo (usado no contrabando) sempre dá perdimento, porque existe o Código Aduaneiro que diz que ‘os veículos usados para o contrabando é dado o perdimento’, mas não existe nada previsto para terras”, lamenta. O procurador diz que os casos de contrabando com perdimento de terra são raros. “Tem um caso específico que estamos pleiteando o perdimento de uma propriedade que tinha um depósito de contrabando. Estamos tentado fazer uma jurisprudência neste sentido”, destaca. “A legislação quanto a isso é frágil, não é clara”, critica.

Donos de propriedades podem perder os imóveis

Constituição Federal Art. 243. As glebas de qualquer região do país onde forem localizadas culturas ilegais de plantas psicotrópicas serão imediatamente expropriadas e especificamente destinadas ao assentamento de colonos, para o cultivo de produtos alimentícios e medicamentosos, sem qualquer indenização ao proprietário e sem prejuízo de outras sanções previstas em lei. Parágrafo único. Todo e qualquer bem de valor econômico apreendido em decorrência do tráfico ilícito de entorpecentes e drogas afins será confiscado e reverterá em benefício de instituições e pessoal especializados no tratamento e recuperação de viciados e no aparelhamento e custeio de atividades de fiscalização, controle, prevenção e repressão do crime de tráfico dessas substâncias.

Código Penal CONTRABANDO OU DESCAMINHO

Art. 334 Importar ou exportar mercadoria proibida ou iludir, no todo ou em parte, o pagamento de direito ou imposto devido pela entrada, pela saída ou pelo consumo de mercadoria. Pena: reclusão, de um a quatro anos.


POLICIAL

QUARTA-FEIRA, 15 DE JUNHO DE 2011

O PRESENTE | 19

CIGARRO

Área de Mercedes é propícia para o contrabando, diz PF Divulgação

De acordo com a polícia, “há envolvimento de muitas pessoas da região que auxiliam ou agem de forma direta no contrabando”

MONTANA COM CIGARRO Divulgação

B

oa parte das últimas apreensões de cigarro feitas pelas pela Polícia Federal (PF) tem ocorrido em Mercedes. O agente Milton Fantuci, da PF, acredita que os contrabandistas encontram mais facilidade na logística, na região de Mercedes e Guaíra, para transportar o contrabando. “Essa região é propícia para o pessoal descarregar mercadoria e entrar no Brasil, por isso eles insistem nesta rota”, comenta. “Há envolvimento de muitas pessoas da região (de Mercedes) que auxiliam ou agem de forma direta no contrabando. Estamos fazendo um levantamento, de médio a longo prazo, sobre essas informações”, menciona. “Tem gente da região envolvida e não é pouca, porque não tem como um caminhão transitar de madrugada sem levantar suspeita numa área essencialmente agrícola, fora de época de plantio ou colheita”, destaca. O servidor diz que a maioria das cargas que “caem” é o resultado de investigação da PF, e não de de-

Veículo encontrado pela Polícia Federal em Mercedes

núncias. “Tem pessoas que nos auxiliam também, por não concordarem com o que acontece”, ressalta. “As informações são preciosas para fazermos essas apreensões”, aponta. O telefone da PF de Cascavel é o (45) 3224-5152 e o da Delegacia de Guaíra (44) 3642-9100. “A denúncia pode ser anônima, basta apenas a informação”, garante.

APREENSÃO

Na madrugada de ontem (14), policiais federais da Delegacia de Cascavel apreenderam um caminhão furgão carregado com cerca de 600 caixas de cigarro. O veículo placas APL-4777, de Curitiba, foi encontrado em uma propriedade rural na Linha Sanga Mate, interior de Mercedes. O morador do local, de iniciais C.G., não foi encontrado

MOTOS RECUPERADAS Divulgação

Duas motos foram recuperadas pela Força Alfa na segunda-feira (13). Os policiais foram informados pela Polícia Militar de Guaíra que dois suspeitos empurravam as motos na localidade “Igrejinha”. Os agentes da Alfa foram até o local e encontraram a Tornado placa MES-2172, roubada em Toledo, e a Bros placa ALF-7357, furtada em Tupãssi, abandonadas em um milharal. Os suspeitos não foram encontrados.

na hora da apreensão. “Ele deve responder por facilitação ao contrabando, além de ficar sujeito a uma multa que pode ultrapassar os R$ 500 mil”, informou a PF em nota. De acordo com os policiais federais que participaram da operação, os responsáveis pelo carregamento são “velhos conhecidos” da população de Mercedes e região. “Para se manterem na atividade criminosa, os contrabandistas estariam corrompendo alguns agentes públicos da região e assim não seriam incomodados durante o trânsito com carregamentos de mercadorias, principalmente cigarro”, informou a polícia.

Policiais federais da Delegacia de Guaíra apreenderam na segundafeira (13) cerca de 7,5 mil pacotes de cigarros que, em valores, somam aproximadamente R$ 75 mil. O cigarro foi encontrado num depósito na região de Nova Santa Helena, em Iporã. Na ação foram apreendidos dois menores que faziam o transporte, com uma Montana, de uma carga de Oliveira Castro (Guaíra) até o depósito. O menor que conduzia o veículo disse que desconhecia o proprietário da mercadoria.

PREMIO RECUPERADO Divulgação

Golpes em Palotina O presidente da Câmara de Vereadores de Palotina, Sérgio Luiz Sevignani, foi vítima de um golpe na segundafeira (13). Ele recebeu uma ligação do golpista, que se passou pelo deputado André Bueno. O golpista pediu que o vereador fosse socorrê-lo, pois seu veículo teria tido problemas. O bandido ainda teria pedido que o vereador efetuasse recarga do seu celular para que pudesse falar com familiares. O vereador então pediu para que a caixa de uma casa lotérica atendesse o golpista. O golpista então faturou cerca de R$ 1,1 mil em crédito. No mesmo dia, a secretária da Câmara recebeu uma ligação e orientação para que fosse recarregado o celular do vereador. O prejuízo neste caso foi mais de R$ 3,5 mil, creditados em vários números. Os casos foram registrados na Polícia Civil. O deputado informou que o golpe, com o seu nome, ocorreu em várias regiões do Estado.

Foi encontrado na manhã de ontem (14), no Anel Viário de Toledo, o Premio placas AIS-2689. O carro estava abandonado. Ele tinha sido furtado na noite de segunda-feira (13), na Rua Men de Sá, no Bairro Alvorada, em Marechal Cândido Rondon. A vítima estava na Igreja Quadrangular quando ocorreu o crime.

CAMINHÃO COM MERCADORIAS Ontem (14), policiais do Grupo de Diligências Especiais (GDE) da Polícia Civil de Toledo apreenderam o caminhão placas ATM-7274, de Curitiba, conduzido por Carlos Gomes da Silva, 30 anos. O veículo teria sido abordado na rodovia que liga São Pedro do Iguaçu a Toledo. O caminhão estava carregado com cigarros, equipamentos de pesca e celulares, dentre outras mercadorias.

Divulgação


ESPORTES

20 | O PRESENTE

QUARTA-FEIRA, 15 DE JUNHO DE 2011

JOGOS ESCOLARES

Definidos os grupos para a macrorregional em Missal

Programação de jogos deve ser anunciada hoje (15) no site www.jogosescolares.pr.gov.br, onde também podem ser conferidos os grupamentos

O

clima da fase macrorregional dos Jogos Escolares do Pa-

raná já pode ser sentido. Na segunda-feira (13), dirigentes de escolas e dos Núcleos de Educação de Assis Chateaubriand, Cascavel, Foz do Iguaçu e Toledo participaram da reunião técnica que confirmou a participação das equipes e definiu os grupos em cada uma das modalidades. Os dirigentes receberam informações sobre os alojamentos e os locais de competição que serão utilizados a partir de sexta-feira (17), quando começam as disputas. “O município colo-

cou uma boa estrutura a nossa disposição, com um local para cada modalidade, e os alojamentos também estão em ordem. Agora vamos trabalhar na programação de jogos para que todos possam se preparar”, declarou a chefe do Centro Regional da Paraná Esporte, Solange Antosz. A programação de jogos deve ser anunciada hoje (15) no site www.jogosescolares.pr.gov.br, onde também podem ser conferidos os grupamentos.

Preparativos para Jogos Abertos em Toledo são discutidos

Divulgação

OPEN DE ARTES MARCIAIS Divulgação

Nove medalhas foram conquistadas pelos atletas da Academia Seibukaikan Karatê Kempo, de Marechal Cândido Rondon, coordenada pelo mestre Ricardo Oguino, no 3º Open Internacional de Artes Marciais, realizado no final de semana em Foz do Iguaçu. Michel Matias Gisch ganhou bronze (Kata) e prata (Full Contact), Marcos de Oliveira prata (Full Contact), Jhonatan Reschke bronze (Full Contact), Alexandre Fernandes prata (Full Contact), Gedair Batista Dias ouro (Sanshok) e prata (Full Contact) e Osmar Luz Rosa prata (Full Contact) e bronze (Sanshok). Os atletas tiveram apoio da Secretaria Municipal de Esportes.

Reunião aconteceu ontem (14) em Toledo entre o secretário municipal de Esportes, Mauro Maiorki, o prefeito José Carlos Schiavinato e representantes de outras secretarias: definição de detalhes da programação

COPA DE JIU-JITSU Divulgação

Atletas da Gracie Barra, de Marechal Cândido Rondon, participam no final de semana, em Toledo, da Copa Paraná de Jiu-Jitsu. A competição ainda contou com atletas de Cascavel, Quedas do Iguaçu, Foz do Iguaçu, Maringá, Umuarama, Apucarana e Mercedes. De Marechal Rondon, Vitor ficou com o ouro no Juvenil (até 84 kg), Miguel, da faixa azul, com a prata no adulto (até 70 kg), Claudio, da marrom, com a prata no adulto (até 70 kg) e Genézio, da faixa azul, com a prata no adulto (até 75 kg). Os competidores têm o apoio do Centro Automotivo Vênice, Mundial 1,99, Genézio Bike, Fisio Sports, Secretaria de Esportes e Farmácia Filadélfia da Avenida Rio Grande do Sul.

COPA OESTE DE VÔLEI Divulgação

A equipe de voleibol masculino do Colégio Martin Luther/Sicoob/ Marechal Cândido Rondon esteve muito próxima do título, mas acabou na 2ª posição na 3ª etapa da Copa Oeste, categoria 96, realizada no final de semana em Foz do Iguaçu. Após vencer as três partidas na fase de classificação e passar fácil por São Miguel na semifinal, os rondonenses tiveram pela frente a decisão com a equipe de Toledo, a qual já havia vencido na estreia. Após fazer um primeiro set brilhante, o jovem time rondonense sentiu a falta de experiência e deixou Toledo virar o placar para 2 sets a 1. Com o 2º lugar na etapa, Marechal Rondon divide agora a liderança da Copa Oeste com Cascavel.

Cerca de oito mil pessoas, representantes de 120 municípios do Paraná, estão sendo esperadas em Toledo, de 11 a 20 de novembro, para a fase final dos 54º Jogos Abertos do Paraná (JAPs). O evento é um dos maiores do esporte no Estado e reúne representantes de várias cidades paranaenses. “É um evento que exige a mobilização não só da administração municipal, mas da cidade inteira, para bem receber os visitantes”, comenta o secretário municipal de Esportes, Mauro Maiorki, que coordena o evento no município e que discutiu com o prefeito José Carlos Schiavinato e representantes de outras secretarias alguns detalhes da programação ontem (14). Entre os temas estão a busca de patrocínio, a aquisição de materiais de consumo e manutenção de escolas e praças esportivas e a produção de materiais de apoio e divulgação. Foi discutida também a realização de uma agenda de reuniões com representantes da sociedade para melhor organizar e divulgar o evento. “Queremos envolver toda a sociedade. São cerca de oito mil pessoas a mais circulando

na cidade e precisamos tirar proveito disso e bem atender os nossos visitantes”, comentou o prefeito. Para a realização dos jogos em Toledo, além da estrutura das escolas municipais, serão utilizadas escolas estaduais e particulares do município, para alojamento e também para disputas. A estrutura do município, destaca o secretário, é excelente, com ginásios, quadras, piscina, entre outras estruturas públicas e particulares, todas localizadas na sede do município. Neste ano, os atletas também poderão contar com a estrutura reformada e ampliada do Ginásio de Esportes Alcides Pan, que deverá ser reinaugurado em setembro. O ginásio terá a sua capacidade ampliada para cinco mil pessoas sentadas, além de uma reestruturação completa, com a colocação de cadeiras, construção de copas, novos sanitários, piso para a quadra de esportes e placar eletrônico, além das reformas realizadas na primeira fase, incluindo vestiários e dependências administrativas. Toledo vai sediar a fase final dos Japs pelo sexto ano. As edições anteriores foram de 1979, 1990, 1999, 2001 e 2007.


ESPORTES

QUARTA-FEIRA, 15 DE JUNHO DE 2011

O PRESENTE | 21

COPA AMÉRICA

Jefferson é convocado como terceiro goleiro da Seleção Mowa Press

No domingo (19), ele volta a campo pelo Botafogo para fazer o clássico com o Flamengo, pela quinta rodada do Campeonato Brasileiro

C

om a decisão da Confederação Sul-ameriana de Futebol (Conmebol) de aumentar o número de inscritos por seleção para a Copa América, permitindo a convocação de um terceiro goleiro, o técnico Mano Menezes anunciou no fim da tarde de ontem (14) o seu escolhido: Jefferson, camisa 1 do Botafogo. Assim, o goleiro deve se apresentar na segunda-feira (20), no Hotel She-

Jefferson foi beneficiado pela decisão da Conmebol de aumentar o número de inscritos por seleção para a Copa América, permitindo a convocação de um terceiro goleiro

raton Rio, para o período de preparação. Além dele, Mano já havia convocado Júlio César, da Internazionale (Itália), e Victor, do Grêmio. No domingo (19), Jefferson vol-

ta a campo pelo Botafogo para fazer o clássico com o Flamengo, pela quinta rodada do Campeonato Brasileiro. O jogo será disputado às 16 horas (de Brasília), no Engenhão.

Patrocínio do governo manteria Neymar no Brasil Após dúvidas e preocupações, o Santos desembarcou em Montevidéu ontem (14). Superando as cinzas do vulcão chileno Puyehue, a chegada da delegação alvinegra teve como foco a especulação sobre a saída de Neymar para o Real Madrid, informada pela imprensa italiana. No Uruguai, o presidente do clube, Luís Álvaro de Oliveira, descartou a saída do jovem craque. “Estamos absolutamente focados

nas duas partidas, não há nenhum conteúdo nisso. Vamos continuar fazendo ofertas para ele ficar, corremos atrás de patrocínio”, afirmou o dirigente no aeroporto de Montevidéu. Luís Álvaro disse ainda que o Santos corre atrás de fundos do governo para bancar a permanência de Neymar. “Temos uma reunião em Brasília em dez dias, e ele está feliz aqui. É só ver a cara, o jeito dele. Conversamos com algumas entidades que podem usar a figura

dele como garoto propaganda. Neymar virou figura nacional, unanimidade, ídolo de todas torcidas e isso tem muito valor”, disse o presidente do Santos. Neymar também fez questão de descartar deixar o Santos pelo Real Madrid ou qualquer outro clube neste momento. De acordo com o garoto, nada o fará trocar o clube paulista por outra equipe. “Não tem nada, não tem nada. Hoje nada me tira do Santos”, avisou o atacante.

Dirigente confirma permanência de Falcão

Divulgação

Sem revelar como o Santos, Peñarol tem joia “forasteira” Enquanto os santistas podem se orgulhar de ter cinco pratas da casa em sua formação ideal (Rafael, Adriano, Elano, Ganso e Neymar), o Peñarol, que decide a Copa Libertadores 2011, vive uma realidade totalmente oposta. Apenas dois jogadores do time comandado pelo treinador Diego Aguirre foram feitos nas categorias de base - e já surgiram há mais de cinco anos. São o goleiro Sosa e o lateral direito González. A grande joia do Peñarol, o meia esquerda Matías Mier, 20 anos, é proveniente das camadas jovens do Rentistas, e só chegou ao clube mais popular do Uruguai depois de três anos no modesto Fenix. Apenas em 2010 é que se notabilizou como jogador profissional, embora estivesse em times pequenos, de menor exigência. “Para mim, estar aqui é muito importante. É fundamental até. Sou muito jovem e já estou na final da Libertadores, o que marca muito uma carreira. Que bom que o grupo me apoia, então fico tranqüilo”, diz ele. Abusado, Mier é certeza de dor

de cabeça para Pará ou Danilo, que concorrem à lateral direita santista, em que Jonathan não pode estar por mais uma lesão muscular. Nome da equipe uruguaia que mais evoluiu durante a Libertadores, Mier tem 37 jogos pelo Peñarol e só três gols marcados, mas cresce na hora perfeita. Foi dele o gol decisivo no José Amalfitani, casa do Vélez Sarsfield, assegurando um lugar para os uruguaios na final contra o Santos. “Sonhava com isso e agradeço muito a essa equipe. A base do futebol do Peñarol é puro coração”, definiu na época. Por jogar aberto à esquerda e ter muita qualidade, seria natural para Matías Mier ser comparado a Neymar. Humilde, o jovem do Peñarol refuta a possibilidade. “Não podem me comparar com ele. É um grande jogador, tem muita técnica. A verdade é que também temos bons nomes e precisamos pensar em como controlá-lo. Jogamos em nosso estádio e nossa gente nos ajuda muito”, disse o jovem, referindo-se à decisão de hoje (15) no Estádio Centenário.

Ponteiro canhoto, driblador e veloz, Mier ainda vive à sombra de Martinuccio, o jogador mais badalado do time uruguaio, e evoluiu na carreira sem que estivesse dentro de um planejamento mais consistente. Atento à dificuldade em revelar, o Peñarol recentemente aprimorou o Centro de Alto Rendimento, espaço para os treinos de suas camadas jovens. Localizado em uma região carente da Capital Montevidéu, tenta imitar a receita do Danubio. Principal celeiro de talentos jovens do futebol uruguaio nos últimos anos, o Danubio sobressai justamente por ficar em um bairro extremamente pobre de Montevidéu, onde consegue encontrar jogadores mais talentosos. Assim surgiram nomes como Álvaro Recoba e Edinson Cavani, ídolos no futebol italiano em épocas diferentes, e o zagueiro Guillermo Rodríguez e o atacante Olivera, ambos titulares do Peñarol. Representante brasileiro na decisão, o Santos combina muito mais é com o Danubio.

último ano, Siegmann afirmou que não pode mudar treinador a todo momento. Quando assumiu, após o Mundial, o dirigente já queria que Celso Roth não fosse mais treinador. “Assumi no mês de dezembro com um treinador que não foi escolhido por mim. Mantive o treinador até a torcida se manifestar, fazer abaixo-assinado com 100 sócios por dia, e troquei por um que todas as pesquisas mostravam preferência. Não vou trocar treinador todos os dias”, disse. Sobre as mudanças em peças do elenco, o dirigente admitiu que o grupo está em processo reformulação. Mas critica quem quer mudanças imediatas dentro do elenco. “Temos uma equipe valorosa, a melhor da última Libertadores, que precisa de modificação, mas só um lunático acha que eu posso abrir a porta do vestiário e empurrar para fora seis ou sete jogadores com contrato em vigor”, defendeu.

A terça-feira (14) foi movimentada no Beira-Rio. Diante do momento conturbado do Internacional no Campeonato Brasileiro, o vice de futebol Roberto Siegmann confirmou a permanência de Paulo Roberto Falcão no cargo e disparou contra colorados que estão divulgando problemas de relação entre o treinador e alguns jogadores. “Verifico que os comentários que existem sobre o vestiário não dizem respeito a isso. Tivemos um processo eleitoral há pouco tempo, e vivemos uma espécie de fogo amigo. Nossa caminhada no Brasileiro foi antecedida por uma vitória heróica na casa do adversário no Campeonato Gaúcho. Temos absoluta convicção no trabalho que vem sendo feito. Existe a necessidade de mudanças, mas não são feitas do dia para a noite”, avisou Siegmann, acusando os dirigentes que perderam a eleição no final do ano de 2010. Vice de futebol desde o final do

Mesmo com a má campanha no Brasileiro, Falcão deve seguir no comando do Internacional

Treinador enfatiza importância do torcedor na volta por cima do Coxa Coxa soma três derrotas e uma vitória, na 16ª posição da tabela, a uma posição da zona de rebaixamento. “Esse apoio é fundamental. Ajuda muito porque o torcedor é o maior patrimônio que o clube tem”, enfatiza o treinador alviverde. Oliveira também aproveitou para chamar a torcida a continuar apoiando o grupo. “O torcedor tem de ser um aliado constante do time. E nós, no dia a dia, nos jogos, temos que retribuir lutando sempre pela vitória”, argumenta o técnico.

O técnico Marcelo Oliveira agradeceu no treino de ontem (14) o apoio que vem recebendo dos torcedores do Coritiba desde a perda da Copa do Brasil para o Vasco. Segundo a assessoria de imprensa do clube, cerca de 80 mensagens de e-mail foram encaminhadas ao elenco, dando força para o grupo seguir em frente na disputa do Campeonato Brasileiro. Para Oliveira, esse apoio é fundamental não só para o time esquecer a dor pela perda da Copa do Brasil, mas também para se erguer no Brasileirão. O

LIBERTADORES 21h50

JOGO DE HOJE (15)

Peñarol

x

Santos


GERAL/EDITAIS

22 | O PRESENTE - Edição 3113

QUARTA-FEIRA, 15 DE JUNHO DE 2011

RELAÇÕES INSTITUCIONAIS

Aliados pedem para acelerar liberação de emendas Em encontro no Planalto, ministra garantiu que resolverá a questão até o dia 15 de julho

O

líder do governo na Câmara, Cândido Vaccarezza (PT-SP), relatou ontem (14) que aliados do governo pediram à ministra da secretaria de Relações Institucionais, Ideli Salvatti, para acelerar o processo de liberação de emendas parlamentares. Em encontro no Planalto, Ideli garantiu que resolverá a questão até o dia 15 de julho, segundo relato de três líderes de partidos aliados presentes à reunião.

O líder do PR, Lincoln Portela (MG), disse que os parlamentares apenas deram um “toque” na ministra para liberar pelo menos 50% das emendas. “A gente não colocou a faca no pescoço dela. Só relatamos uma conversa que tivemos num almoço”, disse. Vaccarezza, que iniciou a entrevista dizendo que o encontro era apenas para dar boas-vindas à Ideli, disse que o pedido de liberação de emendas é “legítimo e natural”. “Não é nenhuma pressão”, acrescentou. Ele disse que os líderes prometeram ao governo votar hoje (15) a Medida Provisória 527, que trata de temas relativos à licitação para obras da Copa de 2014, da Copa das Confederações e da Olimpíada. Os líderes, no entanto,

disseram que não têm condições de acelerar o processo de aprovação das Propostas de Emenda Constitucional (PEC) 300 e 329 que tratam, respectivamente, do estabelecimento de um piso nacional para policiais e de adicional noturno para agentes militares. Vaccarezza afirmou que as queixas em relação à liberação de emendas são naturais e disse que essas reclamações, inclusive com relação a cargos no governo, "existem desde o ano passado e vão existir sempre. Isso é normal". O líder do governo disse ainda que é natural que partidos aliados tenham assento no governo. Outras lideranças da base, no entanto, disseram que aguardam ansiosamente pela definição de cargos.

Dilma e bancada do PR discutem Código Florestal O tema mais explorado no almoço da bancada do PR com a presidenta Dilma Rousseff ontem (14) no Palácio da Alvorada foi a reforma do Código Florestal, relatou o senador Blairo Maggi (PR-MT). Segundo o mato-grossense, Dilma reconheceu que a divergência central com o governo é a Emenda 164, que anistia os desmatadores. Dilma ouviu dos senadores que a matéria terá de retornar à Câmara, mas, para evitar novos confrontos, será preciso construir um entendimento conjunto entre lideranças das duas Casas. A previsão de Maggi é de que o novo Código seja

votado no Senado em setembro. De autoria do PMDB, a Emenda 164 concede anistia aos produtores rurais que desmataram Áreas de Preservação Permanente (APPs) - como topos de morros, várzeas e margens de rios - até junho de 2008. Maggi, que é fiel aliado de Dilma, alinhou-se ao Planalto, defendendo mudanças na emenda que, em sua avaliação, admite dupla interpretação. “Uma lei que se propõe a resolver problemas, mas que é incoerente, não vai resolver nada”, criticou. Na conversa, Maggi - ex-governador de Mato Grosso e produtor

rural - sugeriu à presidenta Dilma que o governo crie uma política de incentivos fiscais, com redução de taxas e de juros, para ajudar os pequenos produtores rurais a recompor as áreas de florestas devastadas num longo prazo, em 30 ou até 50 anos. Mas o ex-governador alertou que o Estado brasileiro não tem condições de exigir dos produtores rurais as responsabilidades impostas pelo texto aprovado pelos deputados. "Em nenhum lugar do mundo os agricultores têm condições de produzir da forma como estão pedindo no Código", advertiu.

Governo decide alterar indexador de dívida de Estados O governo decidiu alterar o indexador dos contratos das dívidas de Estados e municípios negociados com a União na década de 1990. Mas a decisão, que tem como objetivo abrir caminho para um acordo nas negociações da proposta de reforma tributária, envolve um arriscado jogo político no Congresso, porque o entendimento jurídico do Ministério da Fazenda é de que será preciso alterar a Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF). O risco é encaminhar a proposta ao Congresso e os parlamentares pegarem carona para modificar outros pontos da LRF. Como ocorreu com o Código Florestal, esse é um tema de interesse de todos os partidos. E o temor é de que na hora da votação haja uma rebelião na base aliada, com votos contra a orientação do governo. Mudanças na LRF, que representou um marco nas finanças públicas, sempre foram “tabu”. O Ministério da Fazenda aceita a troca do indexador, desejada pelos governadores, mas quer garan-

tias de que os parlamentares não aproveitarão a brecha para incluir outras reivindicações. Os governadores, nas conversas com a equipe econômica, já deixaram claro que querem mais mudanças nos contratos de dívida, mas não pretendem mexer em outros pontos da LRF. A lista de pedidos inclui a redução dos juros dos contratos, hoje de 6% a 9% ao ano. Além disso, querem que a mudança do indexador seja retroativa. Dependendo da data, a retroatividade pode representar um grande passivo para a União. Os governadores querem também reduzir o teto de comprometimento das receitas com o pagamento mensal da dívida, de 11% para 9%.

EQUILÍBRIO

Segundo fontes, a preferência da equipe econômica é que o Índice Geral de Preços - Disponibilidade Interna (IGP-DI), atual indexador, seja trocado pelo custo médio de financiamento da dívida pública. A avaliação é de que essa correção

evita haver “ganhadores e perdedores” em casos de maior volatilidade dos índices. Ainda assim, o governo fez simulações com o Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) e a Selic (a taxa básica de juros da economia). Favorável à troca de indexador, o economista José Roberto Afonso que trabalhou na elaboração da LRF, avalia que não é preciso mudar a lei. Segundo ele, a legislação que rege os contratos permite a mudança. O próprio governo já fez alterações nesses documentos, inclusive pela chamada medida provisória (MP) da Copa do Mundo, sem alterar a LRF, ponderou Afonso. O coordenador dos secretários de Fazenda no Conselho Nacional de Política Fazendária (Confaz), Carlos Martins, também avaliou que é possível alterar o indexador sem mexer na LRF. Segundo ele, há uma resolução do Senado que permite a adequação. “O indexador é claramente um desequilíbrio, já que os Estados não conseguem amortizar as dívidas.”

Faixa etária de doadores de sangue é ampliada Foi publicada na edição de ontem (14) do “Diário Oficial da União” uma portaria com o Regulamento Técnico de Procedimentos Hemoterápicos alterando a faixa etária dos doadores de sangue. A partir de agora, jovens entre 16 e 17 anos - mediante autorização dos pais ou responsáveis - e idosos com até 67 anos podem doar sangue. Pela norma anterior, a doação era autorizada para pessoas com idade entre 18 e 65 anos de idade. Além de ampliar a faixa etária de doadores, a portaria estabelece que o limite para a primeira doação é de 60 anos. Com as mudanças, a expectativa do governo federal é ampliar o volume de sangue coletado no Brasil que, atu-

almente, chega a 3,5 milhões de bolsas por ano. Esta quantidade é considerada suficiente pelo Ministério da Saúde, que pretende atingir o padrão recomendado pela Organização Mundial de Saúde (OMS), que é de 3% da população. Segundo o ministério, 1,9% dos brasileiros são doadores. Em 2012, a meta do ministério é atingir a doação de 4 milhões de bolsas. Com as medidas, a previsão do Ministério da Saúde é que aproximadamente 14 milhões de brasileiros sejam incentivados a serem doadores em potencial. De acordo com o ministério, a decisão de ampliar a faixa etária está relacionada também com a tendência de crescimento da expectativa de vida da população brasileira.


QUARTA-FEIRA, 15 DE JUNHO DE 2011

EDITAIS

Edição 3113 - O PRESENTE | 23

SÚMULA DE EMISSÃO DE LICENÇA DE INSTALAÇÃO A empresa abaixo torna público que recebeu do IAP Licença de Instalação nº 12198 para o empreendimento a seguir especificado: Empresa: Vilmar da Rocha Atividade: Suinocultura Endereço: Lote Rural nº 67, GL nº 03, linha Aparecida, distrito de São Clemente Município: Santa Helena - Paraná Validade: 13/06/2013

SÚMULA DE EMISSÃO DE LICENÇA PRÉVIA A empresa abaixo torna público que recebeu do IAP Licença Prévia nº 27046 para o empreendimento a seguir especificado: Empresa: Sirleia Santos da Silva Atividade: Suinocultura Endereço: Col. Nº 121, GL Madalozzo, linha Guarani, distrito de Sub Sede Município: Santa Helena - Paraná Validade: 13/06/2013


GERAL

24 | O PRESENTE

QUARTA-FEIRA, 15 DE JUNHO DE 2011

MERCEDES

Cultivo de fumo representa R$ 3,5 milhões em arrecadação Fotos: Carina Ribeiro/OP

Atividade garante subsistência de 113 produtores do município, gerando trabalho e renda no campo

A

lém de assegurar a permanência no campo, o cultivo de fumo no município de Mercedes tem gerado em torno de R$ 3,5 milhões por ano em arrecadação de ICMS aos cofres públicos. A informação é da secretária de Agricultura, Pecuária e Meio Ambiente, Kelli Weber, segundo a qual, atualmente 113 produtores rurais vivem da cultura e produzem em média cerca de 724 toneladas de fumo por ano. As principais localidades produtivas são Três Irmãs, responsável por 306 toneladas; Sanga Alegre, que produz outras 194 toneladas; e ainda o entorno da sede, que contribui com a produção de 154 toneladas/ano. De acordo com a chefe da pasta, tendo em vista o retorno que oferece ao município, a fumicultura vem sendo valorizada pela administração, a partir de contrapartida para o cultivo com o fornecimento de adubo e horas máquina para conservação e preparo de solo. “É uma atividade que tem garantido a subsistên-

Arlindo Krüger está investindo na construção de mais um galpão para secagem de fumo: perspectiva de aumento da produção

cia de muitos produtores do município, por isso ajuda a manter os moradores no campo, já que faz uso de mão de obra familiar”, destaca. Kelli menciona que muitas famílias que têm se mantido na atividade vêm prosperando em relação a sua condição de vida, razão pela qual muitas estão projetando a ampliação da produção de fumo. “Além disso, existe uma preocupação com o meio ambiente, já que os produtores estão providenciando espaços específicos e isolados para armazenagem de defensivos usados na lavoura”, acrescenta. Grande parte dos produtores de Mercedes possuem amplo conhecimento e tradição no cultivo de fumo, bem como produzem por meio do sistema de integração com empresas do ramo. Desde os insumos, passando pela assistência técnica até a comercialização é acompanhada por profissionais e representantes das indústrias.

RENTABILIDADE

Valdete, Clécio, Adroaldo e Erci Martins: cultivo de fumo aglutina a família na propriedade

Givanildo Odorizzi segue na atividade iniciada por seu pai há 60 anos: gosto pelo cultivo de fumo

A rentabilidade proporcionada pelo cultivo de fumo é um dos principais atrativos aos produtores. Segundo um dos fumicultores do município, em termos de rendimento financeiro, a produção de um alqueire de fumo pode ser equivalente a cerca de 10 alqueires cultivados com soja. O custo de produção da cultura gira em torno de 15% a 20% do total bruto arrecadado com a venda da safra.

GARGALO

Apesar da alta

Propriedade da família de Clécio Martins, em Três Irmãs, Mercedes, serve de campo de pesquisa para indústria nacional de tabaco

rentabilidade, o cultivo de fumo não é predominante na região especialmente devido à alta demanda de mão de obra que requer. Segundo o produtor Givanildo Odorizzi, desde o processo de semeadura das mudas até a finalização do produto para entrega à indústria cada pé de fumo passa cerca de oito vezes pelas mãos de quem trabalha na atividade. Isto porque o processo inicia com a semeadura, passa pela repicagem (redistribuição das mudas nos quadrantes das bandejas), plantio na lavoura, capação (retirada das ponteiras das plantas), retirada de folhas baixas, corte das plantas (colheita), pendura para secar nos galpões, retirada das folhas do caule para “embonecar” e em seguida compressão para fazer o fardo.

TECNOLOGIA

Os produtores que possuem 20, 30 anos de tradição na cultura observam que muita coisa mudou ao longo dos anos, principalmente com a aplicação de novas tecnologias. Odorizzi conta que o pai dele já era fumicultor e tem 60 anos de experiência na atividade. “Na época eu já o ajudava e a gente plantava 10 mil pés. Hoje produzimos em torno de 180 mil pés ao ano”, compara. A evolução se deve à disposição de maquinários, insumos e tecnologia de produção. Por outro lado, a maioria das etapas de manejo ainda é feita de forma manual, tais como a separação de mudas, a capina de ervas daninhas e a própria colheita.

galpão usado, mas será o maior da propriedade. Estava precisando, porque a produção está aumentando”, declara, revelando que o investimento será de aproximadamente R$ 17 mil. Odorizzi também tem pretensão de passar a contar com mais um galpão na propriedade.

PESQUISA

O domínio da tecnologia e a tradição são tantas em Mercedes que algumas propriedades servem de campo experimental para as indústrias. É o caso da propriedade de Clécio Martins, morador de Três Irmãs, onde a empresa integradora realiza pesquisas com canteiros, sistema de irrigação, variedades e distribuidores de adubo. O produtor cultiva quatro ciclos de fumo por ano, com plantios em janeiro, abril, julho e novembro, o que resulta na produção de cerca de 14 toneladas de fumo por ano. “O importante é que a comercialização é garantida”, pontua. Outra segurança é que as lavouras possuem seguro contra intempéries climáticas, o que assegura a cobertura dos custos.

INVESTIMENTOS

O ganho dos produtores tem permitido que eles reinvistam na propriedade. Hoje estima-se que 15% deles já possuem sistema de irrigação instalado, evitando redução de produtividade por conta de estiagem como a registrada no último mês de maio. Morador de Sanga Alegre, o fumicultor Arlindo Krüger instalou o sistema na propriedade há três anos e o investimento de cerca de R$ 70 mil já foi coberto pelo rendimento que teve na produção. Agora, ele que já possui quatro galpões de secagem está investindo na construção de mais um. “Comprei um

Secretária de Agricultura, Pecuária e Meio Ambiente, Kelli Weber: “É uma atividade que tem garantido a subsistência de muitos produtores do município, por isso ajuda a manter os moradores no campo, já que faz uso de mão de obra familiar”


GERAL

QUARTA-FEIRA, 15 DE JUNHO DE 2011

T

em se noticiado intensamente na mídia tecnológica durante os últimos meses a respeito deste que é pra ser o serviço do futuro. Trata-se da Cloud Computing ou, em português, computação na nuvem, termo designado para a realização de atividades através de servidores virtuais compartilhados pela internet. O Brasil, mesmo com todas as dificuldades tecnológicas, já é o país que mais utiliza este serviço, segundo pesquisa. A computação na nuvem permite compartilhar informações entre dispositivos conectados à internet. Vem sendo muito utilizado pelas empresas que disponibilizam suas informações e ferramentas por meio de servidores externos, os quais qualquer pessoa da equipe pode acessar através de um aparelho com conexão à internet. Através disso, elas agilizam todos seus processos, ganhando dinamicidade. Além das empresas, usuários comuns também estão começando a utilizar o serviço como meio de compartilhar arquivos. Pesquisa realizada pela Avanade, joint-venture formada pela Microsoft e Accenture, mostra que no Brasil cerca de 59% das grandes empresas já utilizam este serviço e que até final

de 2012 atinja a uma quantidade de 81%. A média mundial ficou estipulada em 43%. Dentre os serviços utilizados pelas empresas estão o compartilhamento de webmail, intranet e documentos. Outro dado importante foi que para 72% das empresas a computação na nuvem foi a solução em tecnologia de informação que elas necessitavam. A popularização da computação na nuvem junto aos usuários começa a acontecer através de duas das maiores empresas do setor: a Apple e a Google, que neste ano, lançaram seus primeiros produtos derivados deste sistema. A Apple lançou um serviço que sincroniza automaticamente os aparelhos celulares, reprodutores de música, tablets e computadores da marca, compartilhando músicas, fotos, vídeos, entre outros, para todos eles através do armazenamento em nuvens. Um arquivo destes formatos que estiver em um dos aparelhos do usuário fica disponível automaticamente também para os demais, independente de onde ele esteja. Já a Google anunciou a venda dos seus primeiros notebooks com todos seus sistemas em nuvem, inclusive o operacional. Para usá-lo, será necessário uma conexão com a internet e não haverá necessidade de disco para armazenamento no computador, ficando tudo gravado em servidores externos. A grande preocupação da maioria dos usuários ainda tem sido a segurança. Não é possível saber aonde exatamente os arquivos estarão hospedados, nem como garantir a privacidade dos mesmos. Qualquer problema com estes servidores acarretará em grandes prejuízos às empresas e pessoas. Alguns empreendimentos

BRASIL É O PAÍS QUE MAIS CRESCE NO FACEBOOK A rede social Facebook, atualmente a maior do mundo com cerca de 687 milhões de perfis ativos, teve sua maior taxa de crescimento no Brasil. O país teve um crescimento de aproximadamente 10% entre os meses de maio e junho, chegando a um total de 19 milhões de usuários. Em contrapartida, nos Estados Unidos e Cana-

dá houve pela primeira vez um recuo na quantidade de pessoas conectadas. Este pode ser um sinal de que a rede de Mark Zuckenberg chegou ao ápice nestas regiões. Apesar do recuo, espera-se que em breve a rede social atinja a marca de 700 milhões de usuários, e seu valor de mercado já é estipulado em US$ 100 bilhões.

O PRESENTE | 25

estão pagando pelos serviços, a fim de garantirem maior segurança. Ainda é cedo para dizer que este é o futuro, mas tem sido a grande aposta das gigantes do setor, e começa a ganhar forma. É claro que muitos ajustes ainda serão necessários a fim de se obter o melhor desempenho e segurança, uma vez que tudo isso depende da internet. Podemos esperar outros novos serviços derivados deste, que podem ser muito úteis a todos nós. Em breve possivelmente teremos mais novidades e é bom ficarmos atentos às soluções de mercado.

GOOGLE LANÇARÁ PESQUISA DE VOZ E IMAGEM EM SITE DE BUSCA Duas grandes novidades serão lançadas possivelmente nas próximas semanas no site de pesquisas da Google. Trata-se da pesquisa por voz e por imagem. A pesquisa por voz poderá ser feita através de um ícone localizado ao lado do botão de busca, onde o usuário fala o que deseja procurar, e o site converte em texto, efetuando a busca. A busca por imagem funcionará arrastando uma imagem do computador em direção à caixa de pesquisa e o site digitalizará a imagem e buscará por assuntos semelhantes. Serviços parecidos a esses já estão presentes em smartphones, que ganharão novos recursos como a tradução de texto por meio de fotografias, e a busca de locais específicos como bares, restaurantes, cafés, e muito mais.


26 | O PRESENTE - Edição 3113

EDITAIS

QUARTA-FEIRA, 15 DE JUNHO DE 2011


QUARTA-FEIRA, 15 DE JUNHO DE 2011

EDITAIS

Edição 3113 - O PRESENTE | 27

Continua


28 | O PRESENTE - Edição 3113

EDITAIS SÚMULA DE PEDIDO DE LICENÇA DE INSTALAÇÃO Sirleia Santos da Silva torna público que requereu ao IAP Licença de Instalação para atividade de suinocultura, a ser implantada na colônia nº 121, Gleba Madalozzo, linha Guarani, distrito de Sub Sede, município de Santa Helena, Estado do Paraná.

SÚMULA DE PEDIDO DE RENOVAÇÃO DA LICENÇA DE OPERAÇÃO Albano Griep torna público que requereu ao IAP Renovação da Licença de Operação para suinocultura, implantada nos lotes rurais nº 27 e 28-A, linha Heindrich, município de Marechal Cândido Rondon, Estado do Paraná.

QUARTA-FEIRA, 15 DE JUNHO DE 2011


QU AR TA -FEIRA 5 DE JUNHO DE 20 11 QUAR ART -FEIRA,, 1 15 201

APARTAMENTO, vendo, 127 m², 6º andar, área de festas, piscina, 2 elevadores, no Ed. Monte Carlo, valor a combinar. Tr. (45)3254-3144 ou 9965-0030 com Toninha Imóveis. Creci 9381. APARTAMENTO, vendo, 146 m², todo mobiliado, no Ed. Porto Britânia, valor a combinar. Tr. (45)3254-3144 ou 9965-0030 com Toninha Imóveis. Creci 9381. CASA, vende-se, 100 m², usada, c/ laje, 3 quartos, sala, cozinha, bwc, garagem, na Av. Irio J. Welp, Lot. Sabka, em MCR, R$ 135.000,00, pode ser financiada. Tr. (45)3254-5000 com Certo Imóveis. Creci J-4248. CASA, vende-se, 69.57 m², c/ laje, 3 quartos, sala, cozinha, bwc, no Lot. Priesnitz, em MCR, R$ 120.000,00, pode ser financiada. Tr. (45)3254-5000 com Certo Imóveis. Creci J-4248. CASA, vendo, 100 m², de esquina, c/ laje, 2 quartos, 1 suíte, bwc social, 2 salas, cozinha, garagem fechada, lavand., no Lot. Paraíso, em MCR, valor a combinar. Tr. (45)9141-8066 com Márcio. CASA, vendo, 102 m², alvenaria, 3 quartos, 2 bwc, sala jantar, salar tv, área de festa, churrasq., lavand., toda murada, portão eletrônico, Jd. Alvorada, em MCR, valor a combinar, aceito caminhão. Tr. (45)9926-1474 com Alex.

CASA, vendo, 380 m², c/ piscina, terreno 20x50, R. Paraíba, nº 1021, próximo ao Colégio Rui Barbosa, em MCR, R$ 490.000,00, aceito propostas, troco por casa ou apto de menor valor. Tr. (45)9972-5013 ou 3254-1718 com Imobiliária Bier. Creci 2390.

PRÉDIO, vendo ou troco, 260 m², com 2 salas comerciais, 1 quitinete, 1 apartamento, na Rua Tocantins, nº 618, em Entre Rios do Oeste, valor a combinar. Tr. (45)8808-9136 ou 9974-5652.

TERRA, vendo, 5.8 alq., c/ 1 aviário de 100x12 m, 20 vacas leiteiras Jersey, casa, açude, demais benfeitorias, na Linha Ajuricaba, a 2 km do frigorífico da Copagril, R$ 650.000,00, aceito casa ou terra. Tr. (45)9972-5013 ou 3254-1718 com Imobiliária Bier. Creci 2390.

TERRENO, vendo, 600 m², no Botafogo, em MCR, R$ 45.000,00. Tr. (45)3254-3144 ou 9965-0030 com Toninha Imóveis. Creci 9381.

TERRA, vendo, 6 alq., em Nova Santa Rosa, PR, perto da cidade, valor a combinar. Tr. (45)9911-6465.

TERRENOS, vendo, 2, medindo 27x50 juntos, na Av. Irio J. Welp, ao lado do Detran, MCR, R$ 280.000,00. Tr. (45)9972-5013 ou 3254-1718 com Imobiliária Bier. Creci 2390.

CASA, vendo, 65 m², nova, c/ laje, terreno 12x37, em MCR, valor a combinar, pode ser financiada, aceito carro até R$ 20.000,00. Tr. (45)3284-1048 ou 9962-0082 com Antonio Imóveis. Creci 17145.

PRÉDIO, vendo, novo, de esquina, c/ loja e apto, na Av. Rio Grande do Sul, a 2 quadras do Peixe Frito, em MCR, R$ 650.000,00, aceito casa ou terreno. Tr. (45)9972-5013 ou 3254-1718 com Imobiliária Bier. Creci 2390.

CASA, vendo, alvenaria, terreno 20x40, localizada na Rua Espírito Santo, nº 430, a 2 quadras da Prefeitura, R$ 200.000,00. Tr. (45)9972-5013 ou 3254-1718 com Imobiliária Bier. Creci 2390.

TERRA, vende-se, 4.06 alq., com benfeitorias, na Linha São Marcos, R$ 350.000,00, condições de pgto a combinar. Tr. (45)3254-5000 com Certo Imóveis. Creci J-4248.

TERRA, vendo, 8 alq., c/ 4 aviários funcionando, 130x14, plantação de eucalipto, poço artesiano, em Nova Santa Rosa, R$ 1.500.000,00, aceito casa em MCR ou terra. Tr. (45)99725013 ou 3254-1718 com Imobiliária Bier. Creci 2390.

TERRA, vendo, 10.8 alq., 6 em lavoura, terra plana, casa de alvenaria, água p/ tanques de peixe, estrebaria, 240 mts de largura, próximo a Curvado, valor: 1.200 scs o alq., entrada + prazo a combinar. Tr. (45)32544814 ou 9931-9908.

TERRA, vendo, 8 alq., na Estância Hidromineral Coroados, com toda infraestrutura + fonte de água mineral registrada no Lamin/DNPM, R$ 1.300.000,00, aceito propriedade em Curitiba. Tr. (45)9972-5013 ou 3254-1718 com Imobiliária Bier. Creci 2390.

TERRA, vendo, 3 alq., planta 2.5, reserva, mato, rio e água da rua, na linha Neuhaus, valor a combinar, aceito casa. Tr. (45)3254-3144 ou 9965-0030 com Toninha Imóveis. Creci 9381.

TERRA, vendo, 9 alq., planta 6, na linha Sanga Forquilha, município de Mercedes, valor a combinar, aceito carro, caminhonete, terreno ou casa. Tr. (45)3254-3144 ou 9965-0030 com Toninha Imóveis. Creci 9381.

TERRA, vendo, 4 alq., 3 com plantação de mandioca, casa, açudes, barracão novo, a 1.500 m do Frigorífico da Copagril, R$ 250.000,00, aceito casa em MCR. Tr. (45)9972-5013 ou 3254-1718 com Imobiliária Bier. Creci 2390.

TERRENO COMERCIAL, vende-se, 360.48 m², na R. Campo Grande, Jd. Higienópolis, em MCR, R$ 65.000,00, pode ser financiado. Tr. (45)3254-5000 com Certo Imóveis. Creci J4248.

CASA, vendo, com 8 peças, garagem grande, churrasq., terreno 20x50, ao lado do portal de entrada p/ praia em Porto Mendes, R$ 85.000,00, sem troca. Tr. (45)9972-5013 ou 3254-1718 com Imobiliária Bier. Creci 2390. CASA, vendo, em MCR, valor a combinar, pode ser financiada pela Caixa. Tr. (45)32847300. CHÁCARA, vendo, 4.6 alq., c/ casa de alvenaria, estrebaria, açude, localizada em Bela Vista, interior de MCR, valor a combinar. Tr. (45)8819-6380 ou 3256-1789. GRANJA, vendo, em Curvado, chiqueiro de 750 m², c/ todos os maquinários pertencentes a granja, poço artesiano, 3.5 alq. de terra, R$ 320.000,00, aceito casa em MCR ou soja. Tr. (45)9972-5013 ou 3254-1718 com Imobiliária Bier. Creci 2390.

O PRESENTE | 29

Classificados na internet: www.opresente.com.br

TERRA, vendo, 4 alq., na Linha Gaúcha, a 2.500 mts da cidade, 140 mts de largura, poço artesiano, 6.000 pés de eucalipto, R$ 400.000,00, aceito casa na cidade. Tr. (45)99725013 ou 3254-1718 com Imobiliária Bier. Creci 2390. TERRA, vendo, 5 alq., 2 em lavoura, 2.5 em pasto, açude, estrebaria em pré-moldado, casa de alvenaria, 20 vacas, ordenhadeira, resfriador, porteira fechada, R$ 290.000,00, aceito propostas. Tr. (45)9946-7456.

TERRENO, vendo, 12x44, no Lot. Port III, em MCR, R$ 45.000,00, sem troca. Tr. (45)9915-4053 com Charles. TERRENO, vendo, 400 m², c/ casa de madeira 75 m², localizado na Rua Minas Gerais, a 100 mts da Av. Rio Grande do Sul, centro de MCR, R$ 120.000,00. Tr. (45)9909-2505. TERRENO, vendo, 406 m², de esquina, de frente para BR, no Barcelona, R$ 52.000,00. Tr. (45)3254-3144 ou 9965-0030 com Toninha Imóveis. Creci 9381.

TERRENO, vendo, próximo ao CTG, em MCR, R$ 32.000,00, sem troca. Tr. (45)9915-4053 com Charles.

TERRENOS, vendo, vários, no Lot. São Francisco, valor a combinar, parcelas de 40 a 50 meses c/ entrada de R$ 5.000,00. Tr. (45)9978-6422 com Raimundo van den Boon. Creci-F 11955-J.

ALUGO QUARTOS, c/ ou s/ móveis, em MCR, valor a combinar. Tr. (45)9106-8688. APARTAMENTO, ofereço / alugar, na Av. Maripá, nº 888, em frente ao Colégio Martin Luther, em MCR, valor a combinar. Tr. (45)9915-4778. APARTAMENTO, ofereço p/ alugar, 100 m², 3 quartos (1 suíte), garagem, portão eletrônico, demais depend., na Av. Maripá, nº 1635, ao lado da Sena Veículos, R$ 500,00. Tr. (45)9134-6360. APARTAMENTO, ofereço p/ alugar, 3 quartos, 2 bwc, próximo o Posto Stop, centro de MCR, R$ 500,00, incluso água. Tr. (45)9916-2700 ou 32841325. BARRACÃO, ofereço p/ alugar, 1000 m², lote 11, quadra 107, na Rua Rio de Janeiro, centro de MCR, valor a combinar. Tr. (45)9987-3358 ou 32542118 com Alexandre. CASA, ofereço p/ alugar, + ou + 100 m², alvenaria, 3 quartos, garagem, ar-cond., R$ 550,00. Tr. (45)9994-3393 ou 3284-2514. CASA, ofereço p/ alugar, 3 quartos, garagem fechada, murada, próximo à Realize Materiais de Construção, em MCR, R$ 480,00. Tr. (45)3254-1637 ou 9918-5371 com Marcio.

CASA, ofereço p/ alugar, nova, 2 quartos + 1 suíte, 2 salas, 2 bwc, garagem, lavand., na Travessa Macapá, em MCR, valor a combinar. Tr. (45)32841260 com Domingos ou Marcia. CASA, ofereço p/ alugar, nova, na Rua Horizontina, Lot. Port III, a 50 mts do Posto Tonin, saída p/ Santa Helena, R$ 400,00. Tr. (45)9973-3009. CASA, ofereço p/ alugar, próximo à Copagril, em MCR, R$ 450,00. Tr. (45)9101-0344. QUITINETE, ofereço p/ alugar, 60 m², 1 quarto, sala, cozinha, garagem, área de festa, em Entre Rios do Oeste, R$ 200,00. Tr. (45)9974-5652 ou 88089136. QUITINETE, ofereço p/ alugar, c/ garagem somente p/ moto, em MCR, R$ 295,00. Tr. (45)3284-2544 com Solange. QUITINETE, ofereço p/ alugar, na Rua 9 de Agosto, nº 23, em frente ao Posto da Copagril, em MCR, R$ 280,00. Tr. (45)3254-9510. SALA COMERCIAL, ofereço p/ alugar, na R. Santa Catarina esq. c/ Tiradentes, centro de MCR, valor a combinar. Tr. (45)3254-8362 com Ademir.

ASTRA HATCH ADVANTAGE, vendo, ano 2007, branco, 4 portas, c/ ar-cond., bancos de couro, trio elétrico, rodas 15 originais, completo, 2º dono, todo revisado, super conservado, particular, garantia motor e câmbio, R$ 29.300,00. Tr. (44)36871739 ou 9976-9470. ASTRA HB, vendo, ano 2007/ 08, preto, 4 portas, flex, particular, impecável, R$ 35.000,00. Tr. (45)3254-4173 ou 9972-6138 com Geraldo. ASTRA SEDAN GLS 2.0, vendo ou troco, ano 2000, prata, 4 portas, 16 v, air bag duplo, freio ABS, direção eletro hidráulica, 4 pneus novos, rodas do GSI 16, R$ 20.000,00, aceito caminhão. Tr. (45)9926-1474 com Alex. AZERA 3.3, vendo ou troco, ano 2008, preto, v6, baixa km, único dono, impecável, valor a combinar. Tr. (45)8802-4479 com Ivar. BLAZER 2.2, vendo, ano 99/ 00, azul, completa, gasolina, c/ bancos de couro, IPVA 2011 pago, R$ 24.500,00, aceito troca de menor valor. Tr. (45)99453330 ou 8804-6544 com Vilson. C3 GLX 1.4, vendo ou troco, ano 2007, preto, completo + couro, valor a combinar. Tr. (45)8802-4479 com Ivar.

Céu claro

Temperatura: 22º/12º

Temperatura: 23º/12º

Temperatura: 22º/11º

Temperatura: 23º/11º

Temperatura: 23º/12º

Temperatura: 22º/11º

Poucas Nuvens

Chuvas Rápidas

Pancadas de Chuva

Nublado

Chuva


CLASSIFICADOS

30 | O PRESENTE CAMINHÃO 1113, vendo, ano 79, truck, diferencial 1313, direção hidráulica, turbo, graneleiro, valor a combinar. Tr. (45)9914-2516 ou 3275-1135 com Ernani. CAMINHÃO 1313, vendo, ano 74, motor c/ 30.000 km, caixa revisada, diferencial feito a 60 dias, turbinado, balão, direção, R$ 40.000,00 + parcelas de R$ 1.025,00 fixas. Tr. (45)88383688 com Lauri. CAMINHÃO, vendo, MB LS 1935, top-brake 360, ano 96, trucado, super conservado, pneus seminovos, rodoar, placa A, manual do proprietario, R$ 120.000,00, preço de ocasião. Tr. (45)3278-6100 ou 9976-0098. CAMINHONETE D-20, vendo, ano 90/90, azul metálica, 4 portas de fábrica, completa, c/ ar, alarme, turbo, IPVA 2011 pago, R$ 35.000,00. Tr. (45)9993-1855 (tim) ou 3254-7076. CAMIONETE D-40, vendo, ano 90, valor a combinar, aceito terreno. Tr. (45)3254-9941 ou 9117-7818 com José. CAPTIVA SPORT, vendo ou troco, ano 2008, prata, v6, completa, super novo, valor a combinar. Tr. (45)8802-4479 (claro) com Ivar. CHEVETTE DL 1.6, vendo ou troco, ano 92, cinza, super conservado, valor a combinar, aceito troca de maior valor. Tr. (45)8808-6315 com Alcides. CHEVETTE L 1.6, vendo ou troco, ano 93, prata, valor a combinar, aceito troca de maior valor. Tr. (45)8813-9180 com Joel. CORSA MAXX 1.8, vendo ou troco, ano 2007, cinza, flex, com ar, DH, garantia motor e câmbio, impecável, valor a combinar. Tr. (45)8803-1228 com Tiago.

CORSA SEDAN MILENIUM, vendo ou troco, ano 2001, prata, 4 portas, completo, impecável, R$ 18.900,00. Tr. (45)99075260 com Ulisses.

FIESTA 1.0, vendo ou troco, ano 97, branco, todo original, valor a combinar, aceito troca de maior valor. Tr. (45)88031228 com Tiago.

GOL POWER 1.6, vendo ou troco, ano 2009, cinza, c/ garantia, impecável, valor a combinar. Tr. (45)8802-4479 com Ivar.

CORSA WIND 1.0, vendo ou troco, ano 2001/01, azul, impecável, c/ garantia, valor a combinar, aceito troca de maior valor. Tr. (45)8808-6315 com Alcides.

FIORINO FURGÃO, vendo, ano 95, Fiat, valor a combinar. Tr. (45)3254-2500 ou 99614357 com Leandro.

GOL SPECIAL, vendo, ano 2000, azul, básico, R$ 13.000,00. Tr. (45)3054-1054 ou 9932-2020.

FUSCA 1300, vendo ou troco, ano 83, super conservado, valor a combinar, aceito troca de maior valor. Tr. (45)88139180 com Joel.

HILUX SRV, vendo, ano 2006, prata, 4x2, cabine dupla, completa, R$ 75.000,00. Tr. (45)3054-1054 ou 9932-2020.

CORSA WIND 1.0, vendo ou troco, ano 95, branco, super novo, impecável, valor a combinar, aceito troca de maior valor. Tr. (45)8808-6315 com Alcides. CORSA WIND 1.0, vendo ou troco, ano 97, branco, super conservado, valor a combinar, aceito troca de maior valor. Tr. (45)8813-9180 com Joel. CORSA WIND 1.0, vendo ou troco, ano 97, verde metálico, impecável, valor a combinar. Tr. (45)8813-7956 com Marco. CRV LX, vendo ou troco, ano 2009, preto, 4x2, completo + couro, valor a combinar. Tr. (45)8802-4479 com Ivar. ESCORT 1.6, vendo ou troco, ano 94, azul metálico, IPVA 2011 pago, valor a combinar, troco por carro mais novo. Tr. (45)99931855 (tim) ou 3254-7076.

FUSCA 1600, vendo, ano 86, original, 2º dono, em ótimo estado, R$ 6.500,00. Tr. (45)99309112 com Otávio. FUSCA, vendo ou troco, em ótimo estado, valor a combinar. Tr. (45)9945-6613. GOL 1.0 MI, vendo ou troco, ano 99, azul, super novo, impecável, valor a combinar, aceito troca de maior valor. Tr. (45)8813-9180 com Joel. GOL 1.0, vendo ou troco, ano 98, azul, 4 portas, todo original, pintura e mecânica ok, valor a combinar. Tr. (45)88139180 com Joel. GOL 1000, vendo ou troco, ano 93, verde metálico, impecável, valor a combinar. Tr. (45)8813-7956 com Marco.

ESCORT L, vendo ou troco, ano 84, azul, impecável, valor a combinar, aceito troca de maior valor. Tr. (45)8808-6315 com Alcides.

GOL 1000, vendo ou troco, ano 97, super conservado, R$ 11.000,00. Tr. (45)9903-2499 ou 3254-1212 com Carlão.

ESCORT WAGON, vendo ou troco, ano 97, prata, completo, impecável, valor a combinar. Tr. (45)8813-7956 com Marco.

GOL CLI 1.8, vendo ou troco, ano 95, verde metálico, c/ ar, DH, valor a combinar, aceito troca de maior valor. Tr. (45)8813-9180 com Joel.

F-1000, vendo, ano 90, c/ ar, direção, turbo, cabine dupla, vidros elétricos, R$ 32.000,00. Tr. (45)9903-2499 ou 3254-1212 com Carlão.

CORSA MILENIUM, vendo, ano 2002/02, azul, 4 portas, c/ ar, DH, trava e alarme, valor a combinar. Tr. (45)3273-1166 com Vilson.

FIAT UNO, vendo, ano 99, 2 portas, R$ 11.000,00. Tr. (45)9903-2499 ou 3254-1212 com Carlão.

CORSA SEDAN MAXX, vendo, ano 2007, prata, completo DH, R$ 27.000,00. Tr. (45)30541054 ou 9932-2020.

FIESTA 1.0 ROCAM 2, vendo ou troco, ano 2002, cinza, 4 portas, c/ trava elétrica, valor a combinar. Tr. (45)8808-6315 com Alcides.

GOL GTS, vendo, ano 90, vermelho, 1.8 original álcool, vidros elétricos, motor novo na garantia, bancos recaro, todo revisado, em ótimo estado de conservação, R$ 9.500,00. Tr. (45)9912-9757. GOL I BOLA, vendo ou troco, ano 95, azul, impecável, valor a combinar. Tr. (45)88137956 com Marco. GOL PLUS 1.0 MI, vendo ou troco, ano 97, prata, c/ vidros e travas elétricas, rodas liga leve, super novo, valor a combinar. Tr. (45)8808-6315 (tim) com Alcides. GOL PLUS 1.0, vendo ou troco, ano 2004, preto, 4 portas, c/ garantia, revisado, impecável, valor a combinar. Tr. (45)8813-9180 com Joel.

KA, vendo, ano 2003/03, c/ ar, trava, vidro, alarme, R$ 15.500,00, aceito moto. Tr. (45)9926-9372 com Guilherme. KADETT, vendo, ano 93, prata, aro 15, em perfeito estado, valor a combinar, aceito propostas. Tr. (45)9962-8712 com Ricardo. MEGANE GRAND TOUR DYNAMIQUE, vendo, ano 2007, prata, completo, R$ 39.000,00. Tr. (45)3054-1054 ou 9932-2020. MERIVA PREMIUM EASYTRONIC, vendo, ano 2009, preta, completa, c/ bancos de couro, som de fábrica, R$ 37.000,00. Tr. (45)3054-1054 ou 9932-2020. MONZA GL 2.0, vendo ou troco, ano 94, azul, travas e vidros elétricos, valor a combinar, aceito troca de maior valor. Tr. (45)8808-6315 com Alcides. MONZA, vendo, ano 94, 4 portas, completo, R$ 10.000,00. Tr. (45)9961-1147 ou 9910-0305 com Renécio. NEW CIVIC LXS, vendo ou troco, ano 2007, prata, completo, impecável, valor a combinar. Tr. (45)8802-4479 com Ivar. OMEGA 2.0, vendo, ano 94, preto, álcool, completo, c/ bancos de couro, teto solar, rodas tsw 17", ar-cond., em ótimo estado de conservação, valor a combinar. Tr. (45)9959-1854 com Thiago. OMEGA GLS, vendo ou troco, ano 93, azul metálico, completo, estado de novo, valor a combinar. Tr. (45)8813-7956 com Marcos. OMEGA SUPREMA CD 4.1, vendo ou troco, ano 95, azul, completo, com mecânica nova, valor a combinar, aceito troca de maior valor. Tr. (45)88086315 com Alcides. PALIO WEEKEND, vendo, ano 99, verde, trio elétrico, R$ 6.500,00 + parcelas, aceito propostas. Tr. (45)8429-1479. PALIO, vendo, ano 2002, grafite, 4 portas, c/ trava, alarme, vidros elétricos, limpador e desemb. traseiro, R$ 15.500,00. Tr. (45)9993-1855 (tim) ou 32547076.

QUARTA-FEIRA, 15 DE JUNHO DE 2011 PARATI PLUS 1.6, vendo ou troco, ano 2009, prata, completo, impecável, com garantia motor e câmbio, valor a combinar. Tr. (45)8803-1228 com Tiago.

SCÉNIC 1.6, vendo, ano 2006, cinza, completa, air bag duplo, CD original c/ controle no volante, manual, chave reserva, valor a combinar. Tr. (45)8803-6565.

PARATI PLUS 1.6, vendo, ano 2008, preta, flex, completa, CD, baixa km, manual, impecável, valor a combinar. Tr. (45)88036565.

SCÉNIC RXE 1.6, vendo, ano 2002, bege, completa, R$ 22.500,00. Tr. (45)3054-1054 ou 9932-2020.

PARATI, vendo, ano 86, álcool, em ótimo estado, R$ 5.600,00. Tr. (45)9943-9194. PEUGEOT 206 FELINE 1.6, vendo, ano 2005, cinza, completo, R$ 25.000,00. Tr. (45)3054-1054 ou 9932-2020. PEUGEOT, vendo, ano 2000, completo, super conservado, R$ 13.900,00. Tr. (45)9903-2499 ou 3254-1212 com Carlão. PICASSO GLX 1.6, vendo, ano 2007, azul, flex, completo, couro, air bag´s, CD, manual, chave reserva, impecável, valor a combinar. Tr. (45)8803-6565. PICK-UP STRADA ADVENTURE 1.8, vendo, ano 2002, cinza, completa, couro, valor a combinar. Tr. (45)99721609 com Vilson. PICK-UP STRADA, vendo ou troco, ano 2003, Fiat, branca, placa A, 2º dono, revisada, R$ 17.800,00 (tabela FIPE). Tr. (45)8808-9136 ou 9974-5652. POLO CLASSIC 1.8, vendo ou troco, ano 98, branco, DH, impecável, valor a combinar, aceito troca de maior valor. Tr. (45)8808-6315 com Alcides. PRISMA MAXX 1.4, vendo, valor a combinar. Tr. (45)91340592. RANGER XLT, vendo, ano 2008/08, Ford, cabine dupla, c/ capota de fibra e santo antonio, toda revisada, R$ 56.000,00, aceito Celta seminovo. Tr. (45)3254-2851 ou 9933-4794. S10 2.8, vendo, ano 2002, cinza, completa, R$ 48.000,00. Tr. (45)3054-1054 ou 99322020. S10 COLINA, vendo ou troco, ano 2006, branca, 4x4, diesel, super nova, c/ garantia, revisado, valor a combinar. Tr. (45)8802-4479 com Ivar. S10 EXECUTIVE 2.4, vendo ou troco, ano 2009, prata, cabine dupla, completa, estado de nova, valor a combinar. Tr. (45)8802-4479 com Ivar. SANDERO EXP. 1.6, vendo ou troco, ano 2010, prata, completo, impecável, valor a combinar. Tr. (45)8802-4479 (claro) com Ivar. SAVEIRO TREND 1.8, vendo ou troco, ano 2009, vermelho, completo + rodas, c/ garantia, revisado, valor a combinar. Tr. (45)8803-1228 com Tiago.

SIENA EL, vendo, ano 2010, 75 cv, completo, 19.000 km, R$ 32.000,00 ou R$ 18.000,00 + consórcio Sicredi 49x de R$ 356,00. Tr. (45)9974-5091. SIENA FIRE, vendo, ano 2007, prata, c/ DH, trava e vidros elétricos, rodas liga leve, R$ 22.000,00. Tr. (45)3054-1054 ou 9932-2020. SPACEFOX PLUS 1.6, vendo ou troco, ano 2009, preto, completo, couro, DVD, valor a combinar. Tr. (45)8803-1228 com Tiago. STILO DUALOGIC, vendo ou troco, ano 2010, preto, flex, completo, c/ garantia, impecável, valor a combinar. Tr. (45)8803-1228 com Tiago. STRADA CE FIRE 1.4, vendo, ano 2008/09, prata, flex, completa + banco traseiro e capota, em excelente estado, R$ 28.500,00. Tr. (45)9145-2802 com Marcio. STRADA, vendo, ano 2009, Fiat, super conservada, R$ 26.000,00. Tr. (45)9903-2499 ou 3254-1212 com Carlão. TIPO 1.6, vendo ou troco, ano 95, preto, 4 portas, travas e vidros elétricos, valor a combinar, aceito troca de maior valor. Tr. (45)8813-9180 com Joel. UNO EX 1.0, vendo, ano 98, bordô, ar quente, limpador e desemb. traseiro, placa A, R$ 9.900,00, sem troca. Tr. (45)8805-8484. VECTRA CD, vendo ou troco, ano 97, c/ computador de bordo, abs, air bag, teto solar, couro, controle de tração, motor, escapamento e bateria novos, R$ 15.000,00, aceito carro ou moto de menor valor. Tr. (45)88341048. VECTRA GSI, vendo, ano 95, branco, impecável, valor a combinar. Tr. (45)9928-0307 ou 9947-3201. VERONA LX, vendo ou troco, ano 90, verde, motor álcool, valor a combinar. Tr. (45)88086315 com Joel. VERSAILLES GL 2.0, vendo, ano 93, prata, c/ ar-cond., direção hidráulica, R$ 6.800,00, sem troca. Tr. (45)8805-8484. VOYAGE 1.0, vendo ou troco, ano 2010, preto, completo - ar, valor a combinar. Tr. (45)8802-4479 (claro) com Ivar. ZAFIRA 2.0, vendo, ano 2003, preta, completa, R$ 33.000,00. Tr. (45)3054-1054 ou 9932-2020.


QUARTA-FEIRA, 15 DE JUNHO DE 2011

BIZ 100 +, vendo, ano 2004, Honda, c/ 2 pneus novos, toda revisada, impecável, R$ 3.390,00. Tr. (45)9907-5260 com Ulisses. BIZ 125 ES, vendo, ano 2007, prata, única dona, valor a combinar. Tr. (45)9928-0307 ou 9947-3201. BIZ 125, vendo, ano 2008/ 08, preta, c/ rodas esportivas, baixa km, R$ 5.000,00. Tr. (45)9111-7183 com Roque. BIZ, vendo ou troco, ano 2006/06, preta, c/ partida, única dona, valor a combinar. Tr. (45)9989-0805. BROS, vendo ou troco, ano 2007/08, c/ partida, valor a combinar. Tr. (45)9989-0805. CG 125 ES FAN, vendo, ano 2009, preta, Honda, impecável, R$ 4.390,00. Tr. (45)9907-5260 com Ulisses. CG 125, vendo, branca, original, R$ 2.200,00. Tr. (45)9944-8340. CG 150 ESD, vendo, preta, usada, 2º dono, Honda, R$ 5.000,00. Tr. (45)8826-5707 com Jeferson. CG 150, vendo ou troco, ano 2008/08, completa, valor a combinar. Tr. (45)9989-0805. CG FAN, vendo, Honda, nova, valor a combinar. Tr. (45)32731166 com Vilson. DT 180, vendo, pronta p/ trilha, c/ motor novo, R$ 1.500,00. Tr. (45)8826-5707 com Jeferson. FAZER YS 250, vendo, Yamaha, ano 2008, azul, 10.000 km, impecável, R$ 7.490,00. Tr. (45)9907-5260 com Ulisses. NXR BROS 150 ES, vendo, ano 2006, preta, Honda, em ótimo estado, valor a combinar. Tr. (45)3284-1021 ou 8406-3429 com Francisco. SHADOW VT 600, vendo, ano 2000/00, Honda, customizada, 7.500 km, R$ 18.000,00, troco por carro de menor valor. Tr. (45)9107-5964 com Paulo. TWISTER, vendo, ano 2008, preta, c/ 26.000 km, em ótimo estado, R$ 6.800,00, preço de ocasião. Tr. (45)9137-9314.

COMPUTADOR, vendo, montado p/ jogos, 4GB de mem., processador, AMD athlon (IM) IIx4 (4620), placa mãe, Asus M4A 78, motherboard 2GHZ, placa de vídeo, ati HD 5570 2GB DDR3, fonte, corsair 650 w real, monitor LG 19, HD samsung 320 GB, windows 7, já formatado, seminovo, R$ 1.980,00. Tr. (45)8801-8766 com Douglas. COMPUTADOR, vendo, novo, HD 500GB, 2GB memória, monitor 18,5 LCD, valor a combinar. Tr. (45)8801-0212. CONSÓRCIO CONTEMPLADO, vendo, crédito de R$ 5.500,00, entrada de R$ 1.700,00 + 56x de R$ 108,00. Tr. (45)9943-9194.

CLASSIFICADOS FILHOTE, vendo, de Lhasa Apso, macho, vacinado e desverminado, valor a combinar. Tr. (45)9925-8465 com Aline. FILHOTES, vendo, de Chow Chow, puros, vacinados e desverminados, preço de ocasião. Tr. (45)8429-1479. FILHOTES, vendo, de Lhasa Apso e Pequinês, vacinados e desverminados, valor a combinar. Tr. (45)3254-3025 com Nelli. FILHOTES, vendo, de Lhasa Apso, vacinados e desverminados, valor a combinar. Tr. (45)9947-3592 com Dirce.

CONSÓRCIO CONTEMPLADO, vendo, para autos, crédito de R$ 31.300,00, entrada de R$ 13.000,00 + 35x de R$ 707,00. Tr. (45)9992-7586 com Alex.

FOGÃO, vendo, de 4 bocas, branco, R$ 100,00. Tr. (45)99345100 com Jeisi.

Atenção vítimas de acidente do mês 04/2008 à 2011

LOJA, vendo ou troco, com ótima clientela, no centro de MCR, motivo mudança, valor a combinar, aceito propostas. Tr. (45)3254-3365 ou 9964-8857.

Você sabia que tem direito a indenização? (45) 9972-7923 9134-9384 H.J. MUNCHEN & VENGRAT 3254-4503 Informações

CNPJ: 10759805/0001-77

CONSÓRCIOS, vendo, contemplados e não contemplados. Tr. (45)9992-7586 com Alex. ESTEIRA ELÉTRICA, vendo, Caloi, usada, valor a combinar. Tr. (45)3273-1166 com Rosangela. FARMÁCIA, vendo, localizada no centro de Palotina, com bom estoque em medicamentos, perfumaria e varejinho, ótima cartela de clientes, toda informatizada, R$ 60.000,00. Tr. (44)3649-6488 ou 8425-0806 (tim) com Robson ou Andrea. FATIADORA DE FRIOS, vendo, marca Filizola, mod. 101 automática, em bom estado de conservação, valor a combinar. Tr. (45)3284-1250 com Valmir.

MERCADO, vendo, c/ açougue, clientela formada, c/ ou s/ imóvel, no centro de MCR, valor a combinar, aceito propostas. Tr. (45)9932-9651. MOTOR DE POPA, vendo, Mercury, 225 HP, 6 meses de uso, seminovo, valor a combinar. Tr. (45)9104-3516. NOBREAK, vendo, NHS 2200, revisado, seminovo, R$ 450,00. Tr. (45)8805-2728. PÁSSAROS, vendo, Calopsitas, filhotes e adultos, valor a combinar. Tr. (45)32543025 com Nelli. PRECISA-SE de auxiliar de cabeleireiro c/ experiência. Tr. (45)3254-0925 ou 9961-4065. PROCURO MOÇA p/ dividir despesas, interessadas. Tr. (45)3284-1283 com Paula.

Edição 3113 - O PRESENTE | 31

SÚMULA DE EMISSÃO DE LICENÇA DE INSTALAÇÃO RACHADOR DE LENHA, vendo, M.H.F, novo, valor a combinar. Tr. (45)9974-1300. VENDO, cozinha, geladeira consul e fogão, todos seminovos, valor a combinar. Tr. (45)3284-2059 ou 8402-7231. AVIÁRIO limpeza com caminhão espalhador na lavoura. Tr. (45)3254-4712 ou 9944-0401.

A empresa abaixo torna público que recebeu do IAP Licença de Instalação para o empreendimento a seguir especificado: Empresa: Rosane Petri Knaul Atividade: Avicultura de corte Endereço: Linha Campos Salles, distrito de Margarida Município: Marechal Cândido Rondon - Paraná Validade: 07/06/2015

AVIÁRIO, venda de maravalha em fardos ou a granel, qualquer quantidade. Tr. (45)3254-4712 ou 9944-0401. CASQUINHA DE ARROZ E MARAVALHA DE PINUS, vendo, p/ aviário, valor a combinar. Tr. (45)9948-6042 ou 88087566. COMPRO, plantadeira, 9 linhas, que esteja em bom estado de conservação, valor a combinar. Tr. (45)8812-2713.

SÚMULA DE EMISSÃO DE LICENÇA DE OPERAÇÃO A empresa abaixo torna público que recebeu do IAP Licença de Operação para o empreendimento a seguir especificado: Empresa: Valdir Hermann Atividade: Avicultura de corte Endereço: Linha Hermann, distrito de São Roque Município: Marechal Cândido Rondon – Paraná Validade: 27/04/2015

LINHA DE MILHO, vendo, NH, ano 2002, valor a combinar. Tr. (45)9985-8401 ou 3257-1296. MARAVALHA DE PINUS P/ AVIÁRIO, vendo, valor a combinar. Tr. (45)9918-2277 ou 35656969 com Robson. MUDAS DE EUCALIPTO, vendo, várias variedades, c/ plantio e manutenção completa, valor a combinar. Tr. (45)88030231 (tim) ou 3254-2720 com Herton. ORDENHADEIRA, vendo, canalizada, Flaco, 5 conjuntos, pulsação eletrônica, unidade final de vidro, pouco uso, valor a combinar, pode ser financiado. Tr. (45)8808-4457. PLATAFORMA DE MILHO, vendo, Stara, ano 2003, espaçamento: 6x70-80 - também 9x45, R$ 28.500,00. Tr. (45)3254-5151 ou 9134-2934 com Rubem. RESFRIADOR, vendo, 1.500 lts, 2 ordenhas, com 10 meses de uso, valor a combinar, pode ser financiado. Tr. (45)88084457.

SÚMULA DE EMISSÃO DE LICENÇA DE OPERAÇÃO A empresa abaixo torna público que recebeu do IAP Licença de Operação para o empreendimento a seguir especificado: Empresa: Rudi Teodoro Tamke Atividade: Piscicultura Endereço: Lote Rural nº 162 parte norte, linha Rio Azul Município: Maripá – Paraná Validade: 23/05/2016

SÚMULA DE EMISSÃO DE LICENÇA DE OPERAÇÃO A empresa abaixo torna público que recebeu do IAP Licença de Operação para o empreendimento a seguir especificado: Empresa: Décio May Atividade: Avicultura de corte Endereço: Lote Rural nº 32, linha São Marcos Município: Mercedes – Paraná Validade: 07/06/2013

XT 225, vendo, ano 97, Yamaha, valor a combinar. Tr. (45)3254-2500 ou 9961-4357 com Leandro.

PARA ASSINANTES

AR-CONDICIONADO, vendo, 7.500 btus, valor a combinar. Tr. (45)3284-7300.

CADEIRAS, vendo, 40, c/ apoio p/ braço, assento estofado, pintura epoxi, todas em bom estado de conservação, valor a combinar. Tr. (45)3284-1250 com Valmir. CARTA CONTEMPLADA, vendo, de imóvel, crédito R$ 73.103,00. Tr. (45)9977-7037. CARTA CONTEMPLADA, vendo, imóvel, crédito R$ 45.000,00, entrada de R$ 9.400,00 + 3x de R$ 632,00 + 83x de R$ 542,00. Tr. (45)9903-0005.

Marcar com X:

Compro Vendo

Troco

Preciso para alugar Ofereço para alugar

Produto: ---------------------------------------------- Marca: --------------------------------Novo/usado/ano: ----------------------------------- Valor: ---------------------------------Obs.: --------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------Tratar com: ------------------------------------------ Fone: ---------------------------------Endereço: -------------------------------------------- Cidade: -------------------------------Remetente: ------------------------------------------ Fone: ---------------------------------Assinatura do responsável: ----------------------------------------------------------------Obs.: Não nos responsabilizamos pela publicação de cartões rasurados e por informações incorretas. Entregue este cartão na recepção do Jornal O Presente entre 08 e 12 horas do dia 15/06/2011.

Recorte na linha pontilhada

BICICLETARIA M&S, vendo ou troco, em MCR, R$ 32.000,00, aceito carro ou terreno. Tr. (45)3254-2193 ou 9928-4296 com Marcos.

2,00 Este cartão é válido somente para a edição do dia 16/06/2011 R$


MARECHAL CÂNDIDO RONDON - PR

QUARTA-FEIRA

15

JUNHO DE 2011 Fone/fax: (45)

3254-1842

Ademir Bier avalia construção de presídio industrial PÁGINA 05


06-15-2011.pdf