Issuu on Google+

News

2013

4º TRI.

N Ã O

DESTAQUE

A C O N S E L H A M O S

A

I M P R E S S Ã O

D E S T E

D O C U M E N T O .

Monte-ACE recebeu a Terceira Delegação da República Checa Lançamento dos primeiros Baloi’s no Porto Novo, Santo Antão De 26 a 30 de Novembro o Monte realizou uma nova missão de trabalho à ilha de Santo Antão com o objetivo de apoiar as associações de agricultores a organizarem a sua produção tendo em vista a comercialização dos seus excedentes e o reforço dos seus rendimentos familiares. Foram realizadas sessões de trabalho em 4 comunidades diferentes, onde participaram os agricultores, representantes das Associações Comunitárias, o parceiro local, o Conselho Regional de Santo Antão, como objetivo de identificar e caracterizar a produção e identificar os principais problemas e dificuldades para a comercialização dos excedentes. O primeiro lançamento do Balio d’horta realizou-se no dia 30 de Novembro na cidade do Porto Novo tendo sido participado por várias entidades e agente locais e pelos agricultores de outras comunidades, no qual foram comercializados 15 Balois. Todas as atividades desenvolvidas contaram com a participação de uma representante da Delegação de Cabo Verde da União Europeia. Ainda durante este período ficaram agendados outros lançamentos do Baloi, em comunidades diferentes, existindo da parte dos agricultores um elevado interesse na iniciativa, bem como uma procura progressiva da parte do grupo de consumidores 

Sessão de Divulgação no Hospital Espírito Santo de Évora No dia 11 de Dezembro, teve lugar uma Sessão de Divulgação do Prove – Cabaz do Hortelão, no refeitório do Hospital Espírito Santo de Évora. A mesma teve como objetivo constituir uma mostra de produtos hortofrutícolas, originária dos produtores locais que constituem o núcleo Prove de Évora. E foi organizado pelo Monte - Desenvolvimento Alentejo Central, ACE, com o apoio do Hospital Espírito Santo de Évora e Núcleo de produtores de Évora. O Projeto Prove abrange atualmente 181 consumidores, sendo entregues mensalmente 442 cabazes 

Entre 12 e 14 de Novembro realizou-se a terceira visita da República Checa à nossa região, no âmbito do projeto transnacional com a entidade EIRLZ para o desenvolvimento do projeto “Employment support in rural áreas in Ústi region”. Concluiu-se assim um ciclo de visitas de estudo e de troca de experiencias entre a delegação e algumas entidades ligadas à formação e à agricultura no Alentejo, nomeadamente o Centro de Emprego e Formação Profissional de Évora, a Escola Agrícola de Vendas Novas, a Direcção Regional de Agricultura do Alentejo, a Universidade de Évora através da Herdade da Mitra. Os encontros tiveram por objetivo contribuir para o desenvolvimento de conteúdos formativos na área da agricultura e de políticas de integração de desempregados e jovens, aplicáveis na região de Ústi. No momento está a ser criada uma rede virtual temática pelos parceiros da República Checa com a participação do Monte-ACE na partilha de informação e de experiencias relacionadas com os métodos na agricultura e na área do emprego. Estando ainda prevista uma conferência final do projecto a realizar no verão de 2014, na cidade checa de Most localizada na região de Ústí 

Dia Mundial da Mulher Rural

No dia 15 de Outubro assinalou-se o Dia Mundial da Mulher Rural, no evento transfronteiriço “O êxodo inverso: Da cidade para o campo” organizado pelo Instituto da Mulher da Extremadura, em Badajoz, no qual o Monte-ACE participou juntamente com algumas mulheres empresárias do Alentejo Central. O evento teve a participação de organizações de Portugal e de Espanha, que de algum modo promovem a integração e acesso das mulheres na vida empresarial, e que contribuam consequentemente para uma maior equidade entre género.

A temática central do encontro permitiu refletir sobre o conceito de ruralidade e no papel da mulher no contexto de mudança de uma vida urbana para o meio rural, e verificar as similaridades entre mulheres da Estremadura e do Alentejo. O encontro permitiu a apresentação de experiências de mulheres empresárias de ambas as regiões sob a temática de “Re-Empreendendo no Rural”, onde se contou com a participação de Teresa Laranjeiro, Susana Raposo e Patrícia Aurélio. O MONTE-ACE apresentou o Centro de Empreendedorismo Feminino do Alentejo Central, que dinamiza e disponibiliza um conjunto de serviços às mulheres empresárias da região, tais como aconselhamento para a criação de emprego, encaminhamento para financiamento, informação sobre sistemas de incentivos, formação empresarial e consultoria. A Feira de Empresas contou com a participação de CactusExtratus, Chá Bravo, Multiapara, Olaria Manuel Grandela, Queijaria Serra Lica e os produtos hortofrutícolas de Susana Raposo 

Monte-ACE recebeu Delegação da Polónia

Mirabal – Mullheres 100 Medo

Abordagem Leader no Alentejo Central – Resultados e Perspectivas Decorreu no passado dia 17 de Dezembro, no Pavilhão Multiusos de Arraiolos, a apresentação aos parceiros, dos resultados alcançados na dinamização da Abordagem Leader no Alentejo Central, no período de 2009-2013. O evento contou com a participação dos membros dos órgãos sociais e das 27 entidades que formam a parceria territorial, a que se juntaram novas organizações. A apresentação a cargo da equipa técnica do GAL apresentou as principais características dos 209 projectos aprovados que compreendem a dinamização directa de um investimento na ordem dos 23,6 milhões de euros a que corresponde um apoio do SP 3 PRODER de mais de 14 milhões de euros. O impacto em termos de emprego directo criado e mantido, a distribuição geográfica do investimento nos 2013

News

O Monte, em articulação com a APF – Delegação do Alentejo, realizou a 10 de Dezembro de 2013 o Seminário “Igualdade e Inclusão”, que marcou o encerramento do projeto Mirabal – Mulheres Sem Medo. O Encontro decorreu na Universidade de Évora e teve como convidados os parceiros, como a APF e o Diário do Sul e organizações que tem intervenção nas temáticas abrangidas pelo Mirabal, na região Alentejo, como é o caso da Associação Portuguesa de Mulheres Juristas, a ESDIME, o Movimento Democrático de Mulheres, a Rede de Intervenção Integrada do Distrito de Évora, o Município de Évora, contanto ainda com a presença do Sr. Gestor do POPH. O encontro contou com 70 participantes e resultou na explicitação de diversas experiências na área da prevenção e combate à violência de género e na promoção da igualdade, bem como da prática de desenvolvimento destas iniciativas em parceria. Foi realçado que embora tenha existido um reforço das intervenções nesta área, nos últimos anos, que há ainda um largo caminho a percorrer e que deve ser uma responsabilidade de todos os homens e mulheres combater todas as situação de desigualdades e de violência. No encontro foi ainda apresentado o Manual Mirabal- Mulheres 100 Medo, que resulta da sistematização das principais intervenções e resultados atingindo com a execução do projeto. Disponibilizando os instrumentos e as metodologias utilizadas nas diversas actividades realizadas. Ainda no contexto do Seminário Mirabal e como forma de assinalar a comemoração do Dia Internacional dos Direitos Humanos, foi inaugurada da Exposição “Alfabeto do Desenvolvimento” uma iniciativa de três entidades, a ACEP, o CESA e a InLoco, que o Monte divulgou na sua região, na Universidade de Évora  10 concelhos do Alentejo Central, o crescimento de 15% na oferta de alojamento em turismo rural em toda a região Alentejo, além do apoio a mais de 60 IPSS na consolidação e diversificação dos serviços prestados às populações, foram aspectos apresentados e discutidos com os parceiros. Numa segunda parte o MONTE apresentou os momentos chaves dos trabalhos para preparação da Estratégia Local de Desenvolvimento para [2014-20120] tendo o Presidente do Monte, Mário de Deus, deixado o desafio para a reformulação do modelo de organização da parceria territorial. Os parceiros manifestaram a sua vontade em manter a sua participação na parceria territorial, tendo ficado acordado discutir no início de 2014, o modelo de governação da pareceria territorial que deverá sustentar a proposta a apresentar para o programa de agricultura e desenvolvimento rural. 

CLDS de Arraiolos O PAAJ – Programa de Apoio ao Associativismo Juvenil, no âmbito do projecto Contrato do CLDS de Arraiolos, promoveu a dinamização de actividades em articulação com a Associação de Estudantes do Agrupamento de Escolas de Arraiolos, durante o mês de Novembro e Dezembro, onde se destacou a campanha de recolha de bens para a Loja Comunitária de Arraiolos. A campanha decorreu de 2 a 6 de Dezembro na Associação de Estudantes e resultou na recolha de um número significativo de livros escolares, algumas peças de vestuário e brinquedos 

No dia 25 de Novembro, o Monte-ACE recebe uma delegação da polónia composta por representantes da Rede Europeia para o Desenvolvimento Rural, representantes autárquicos e da Autoridade para a implementação do Programa de Desenvolvimento Rural/LEADER. A delegação visitou algumas regiões do nosso pais, durante três dias, um dos quais foi recebida pelo Monte e teve a oportunidade de conhecer a região do Alentejo Central, o SP3 PRODER e alguns projetos subsidiados pela Abordagem LEADER, constante do Programa Nacional para Agricultura e Desenvolvimento Rural (PRODER). O, facilitar o contacto com os beneficiários de modo a conhecerem as suas experiências, as dificuldades que enfrentaram e os aspetos positivos. O encontro permitiu a troca de experiências e de ideias sobre o programa Leader e os projectos apoiados, numa perspetiva dos apoios anteriores bem como nas linhas de desenvolvimento futuras. A visita permitiu conhecer o Município de Arraiolos e o Centro interpretativo do Tapete de Arraiolos, onde foram recebidos pela autárquica da Vila. Ao nível das empresas apoiadas tiveram contacto com os/as empresários/as de modo a conhecerem os projectos, as experiências, as dificuldades e os aspectos positivos dos mesmos. O programa contemplou a visita à unidade de transformação de figos da Índia, CactusExtractus sedeada no Vimieiro; à Herdade do Freixo do Meio; e a uma unidade de produção de peças de cerâmica, Olaria Grandela em Montemor-o-Novo 

Projecto Contrato Promove Empreendedorismo Juvenil No âmbito da promoção do empreendedorismo juvenil, a equipa técnica do projecto CLDS elaborou um projecto destinado aos 51 alunos que frequentam o 1.º ciclo da Escola Básica do Vimieiro. Este projecto tem por objectivo desenvolver um conjunto de acções através de aprendizagens activas e criativas que contribuam para a consolidação de uma cultura de empreendedorismo e que se traduza pela criação de uma atitude diferente por parte dos alunos abrangidos, face a alguns desafios, nomeadamente nos campos da autonomia, iniciativa, risco, inovação, criatividade, trabalho em equipa, liderança, responsabilidade e sentido cívico. Para o efeito, iniciou-se o programa com um enquadramento de conceitos, através da leitura e dramatização do Livro “O Senhor Empreendedorismo” realizado por uma empresa especializada na temática. A par desta actividade, os alunos da Escola Básica do Vimieiro vão passar para a fase de desenvolvimento de competências empreendedoras com a actividade prática “A nossa Horta”, a qual culminará com a Organização da Feira de Mostra/Venda de Produtos da Horta 

M O N TE . A C E R U A JO A Q U I M B A S Í LI O LO P E S , N º1 7040- 066 A R R A I O LO S TE L 266. 490090 FA X 266. 419276 M O N TE @ M O N TE - A C E . P T WWW. M O N TE - A C E . P T


News 2013- 4º Trimestre