Page 1

O Jornal Metro é impresso em papel certificado FSC, com garantia de manejo florestal responsável, pelo Grupo Sinos S/A.

DIEGO VELASCO/DIVULGAÇÃO

8º FANTASPOA REUNIRÁ 150 FILMES DE HORROR EM PORTO ALEGRE {pág 10} DIVULGAÇÃO

ROCK COM SOTAQUE ESPANHOL NO TE VA GUSTAR TOCA NO OPINIÃO {pág 10}

O PALCO VAI GIRAR EM MAIO NO SESC

Carlos Simioni, do grupo Lume

{pág 11}

PORTO ALEGRE Quarta-feira,

11 de abril de 2012

Edição nº 112, ano 1 Mín 19°C Máx 29°C

975 mi de sacolas são mal utilizadas Estudo da Agas, que realiza seminário hoje sobre uso de embalagens plásticas nos supermercados, aponta que 65% dos sacos são preenchidos abaixo da capacidade 13% dos consumidores levam embalagens extras {pág 02} Ronaldinho

CCJ autoriza instalação de CPI Presidente da Câmara disse que espera apenas receber relatório para instalar investigação Primeira sessão deve ser em dez dias {pág 04}

Demóstenes é alvo de processo Conselho de Ética do Senado vai investigar parlamentar {pág 06}

RECICLE A INFORMAÇÃO: PASSE ESTE JORNAL PARA OUTRO LEITOR

Amado

GABRIELA DI BELLA/METRO

O doutor das avenidas

Com nome de escritor, Jorge Amado é um dos 12 moradores de rua de Porto Alegre com curso superior completo Seu sonho? Voltar a exercer a advocacia {pág 03}

Porto Alegre tem mais fumantes Estudo apontou também maior índice de obesos do Brasil {pág 05}


02

www.readmetro.com

porto alegre

1 foco

Cotações Dólar

Euro

+ 0,76% (R$ 1,83)

+ 0,20% (R$ 2,39)

Bovespa

Selic (9,75%) Salário mínimo (R$ 622)

- 1,88% (61.738 pts)

Falta de luz temporária na zona norte Equipes da CEEE (Companhia Estadual de Energia Elétrica) continuarão obras de melhorias no sistema de abastecimento hoje à tarde. O serviço será no bairro Passo das Pedras, zona norte, podendo atingir imediações. O desligamento temporário da luz acontecerá às 13h30 e 18h, caso não chova.

QUARTA-FEIRA, 11 DE ABRIL DE 2012

975 milhões de sacolas plásticas são usadas abaixo da capacidade De 1,5 bilhão de embalagens de supermercados utilizadas por ano no RS, 65% são preenchidas incorretamente Falta de costume e treinamento de funcionários podem explicar o erro

A má utilização das sacolas de supermercados faz com que 65% delas sejam utilizadas abaixo da capacidade total, conforme estudo da Agas (Associação Gaúcha de Supermercados). Segundo a ABNT (Associação Brasileira de Normas Técnicas) as sacolinhas têm que suportar 6,6 quilos, o que representa em média sete produtos em cada uma. A média de três produtos por sacola no Estado. A Agas promove hoje em Porto Alegre um debate sobre o futuro das embalagens usadas nos supermercados. Anualmente, os estabelecimentos gaúchos gastam R$ 190 milhões na aquisição de 1,5 bilhão de sacos plásticos, dos quais cerca de 975 milhões são utilizados abaixo da capacidade. O estudo mostra ainda que 13% das pessoas levam sacolas extras, além das que protegem as compras, para outras utilizações em casa. Para o ambientalista Felipe Amaral, a falta de costume ou de treinamento dos funcionários pelas empresas é o principal motivo

para o desperdício. “Conforme pesquisa feita na Inglaterra, apenas 30% do espaço das sacolas é preenchido”, completa. Outra pesquisa britânica revelou que, para “empatar” com o plástico em termos de sustentabilidade, uma sacola de algodão precisaria ser utilizada 131 vezes sem ser lavada. Os sacos de papel deveriam ser reutilizados pelo menos três vezes. No ano passado, 81% dos gaúchos se posicionaram a favor dos sacos de plástico por falta de opções que substituam o material. O presidente da Agas, Antônio Cesa Longo, defende que retirar os sacos plásticos pode ser prematuro, devido à falta de alternativas que sejam recicláveis, viáveis economicamente e menos prejudiciais ao ambiente. A utilização da sacola plástica voltou a ser discutida após supermercados de São Paulo encerrarem a sua distribuição para os consumidores. O fórum promovido pela Agas ocorre hoje, com entrada gratuita, no Hotel Deville. METRO POA

60 segundos

60 segundos

ARQUIVO PESSOAL

EDUARDO TORRES

EX-PRESIDENTE DA ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE ENGENHARIA QUÍMICA

‘FALTA INFORMAÇÃO PARA DEBATER’ Qual a sua posição a respeito do uso das sacolas plásticas?

Hoje, o radar móvel da EPTC estará nas seguintes vias: Salvador França Diário de Notícias Ipiranga Juca Batista Padre Cacique Pinheiro Borda

Porto Alegre discute hoje uso das sacolas plásticas nos supermercados e alternativas

Dicas de uso

METRO POA

Radar móvel

GABRIELA DI BELLA/METRO S

Sou a favor que elas permaneçam até que um estudo comprove que exista uma solução positiva para todos. As alternativas, como o uso do papel ou pano, causam tanto impacto ambiental quanto o plástico, assim como também

exigem custo elevado. O assunto está sendo discutido de maneira coerente?

As pessoas estão preocupadas com o ambiente, mas não avaliam as pesquisas antes de opinar. Falta informação. É preciso analisar o produto da matéria prima até o “cemitério”. METRO POA

Telefones: 051/2101.0471 (redação) 051/2101.0302 (comercial) O jornal Metro circula em 22 países e tem alcance diário superior a 20 milhões de leitores. No Brasil, é uma joint venture do Grupo Bandeirantes de Comunicação e da Metro Internacional. É publicado e distribuído gratuitamente de segunda a sexta em São Paulo, ABC paulista, Santos, Campinas, Rio de Janeiro, Curitiba, Belo Horizonte e Porto Alegre, somando mais de 440 mil exemplares.

ARQUIVO PESSOAL

Confira hábitos que podem fazer a diferença na hora das compras: Busque outras alternativas como caixas de papelão ou sacolas de pano, que sejam retornáveis, para colocar as compras Utilize toda a capacidade da sacola plástica, colocando o máximo de produtos Utilize sacos alternativos como lixo particular, feitos de materiais orgânicos que sejam degradáveis Não descarte sua sacola retornável ainda que ela esteja velha. Tente reformá-la de alguma maneira Evite que a comodidade cause um desastre ambiental. Nunca jogue uma sacolinha plástica na rua para querer livrar-se dela

FELIPE AMARAL AMBIENTALISTA DO INSTITUTO BIOFILIA

‘INCENTIVO DEVE VIR DAS EMPRESAS’ Qual a sua posição a respeito do uso das sacolas plásticas?

Elas prejudicam o meio ambiente. Enquanto as utilizamos uma vez, as de tecido usamos 365 vezes. Deve partir dos supermercados promover uma política de incentivo de redução de uso, criar bônus. Temos que utilizá-las conscientemente, melho-

rar a qualidade e fazê-las com produtos de origem vegetal. O assunto está sendo discutido de maneira coerente?

Sacolas plásticas têm seus problemas, mas não podemos criminalizá-las pois a indústria movimenta milhões de reais. Temos que ter essa consideração. METRO POA

EXPEDIENTE Metro Brasil. Presidente: Cláudio Costa Bianchini. Diretor de Redação: Fábio Cunha (MTB: 22.269). Diretor Comercial e Marketing: Carlos Eduardo Scappini. Diretora Financeira: Sara Velloso. Diretor de Operações: Luís Henrique Correa.

Metro Porto Alegre. Gerente Executivo: Luís Grisólio. Editor Executivo: Flávio Ilha (MTb 6068/RS). Coordenador de Redação: Irineu Masiero. Editor de Arte: Cláudio Machado. Gerente Comercial Nacional: Ricardo Adamo. Grupo Bandeirantes de Comunicação RS. Diretor Geral: Leonardo Meneghetti.

Editado e distribuído por SP Publimetro S/A. Endereço: rua Delfino Riet, 183, Santo Antônio, 90660-120, Porto Alegre, RS. O jornal Metro é impresso no Grupo Sinos S/A.

A tiragem e distribuição desta edição de 40.000 exemplares são auditadas pela BDO.


www.readmetro.com

porto alegre

03

QUARTA-FEIRA, 11 DE ABRIL DE 2012

O ‘doutor’ que vive nas ruas Jorge Amado Ribeiro Soares, 59 anos, é um dos 12 sem-teto de Porto Alegre que têm ensino superior completo

FOTOS: GABRIELA DI BELLA/METRO

Apesar das roupas simples, o vocabulário rebuscado e o conhecimento jurídico evidenciam que Jorge Amado Ribeiro Soares, 59 anos, é um morador de rua singular. Inscrito na OAB/SP (Ordem dos Advogados do Brasil, seccional São Paulo) sob o número 84.739, ele é um dos 12 que têm ensino superior completo em Porto Alegre, conforme revelado em censo da população de rua divulgado pela Fasc (Fundação de Assistência Social e Cidadania) na segunda-feira. Nascido em Porto Alegre, Jorge Amado sonha em retornar à advocacia. “No dia em que eu voltar, a área social estará na minha mira. É um descalabro o que acontece, o descumprimento das leis”, avalia. O afastamento da área de formação ocorreu há 20 anos, quando ele optou por se dedicar exclusivamente à função de projetista industrial, seu ofício anterior à advocacia. Anos antes, já havia desistido de ser escrivão da Polícia Civil durante o curso de formação. Foi a atuação em multinacionais da área da engenharia entre 1976 e meados dos anos 1980 que permitiu a ele cursar Direito à noite em uma das mais importantes universidades privadas de São Paulo, a Mackenzie. “Depois de formado, em 1985, abri um escritório para atuar como advogado, mas depois voltei às empresas de engenharia”, conta. Com um bom emprego na capital paulista, em uma multinacional exploradora de petróleo, Jorge Amado viu a segurança financeira ruir no fim de 1990, com o início da Guerra do Iraque. “A empresa em que eu trabalhava em São Paulo tinha

Os números Confira revelações do censo da população de rua: População De 2007 para 2011, o número de moradores de rua saltou de 1.203 para 1.347 Gênero 81,7% são do sexo masculino e 17,1% do feminino. O restante não declarou Cor 37,3% são brancos, 30,2% negros e 25,1% pardos Grupos No momento da entrevista, 48,9% estavam em gru-

projetos no Iraque e tudo ficou parado por causa da guerra. Mais de cem técnicos ficaram encostados por três meses, depois a maioria foi demitida. Inclusive eu. Tive uma proposta de ir para o Japão, mas o salário era baixo para o custo de vida de lá”, relembra. Jornada solitária Nos anos seguintes, a crise financeira se agravou, mesmo com trabalhos temporários. Veio a separação da mulher, com quem teve uma filha (atualmente com 17 anos), e a volta a Porto Alegre. Jorge Amado conta que passou a viver com a mãe, mas a morte dela o obrigou a deixar o lugar em que viviam. Conseguiu morar de favor numa casa de fundos na vila Augusta, em Viamão. “O problema é que o amigo também morreu e a família pediu a casa. Fui para a rua. Era 18 de agosto de 2007”, lembra o advogado. Em quase cinco anos de jornada solitária pelas ruas, Jorge Amado passa o dia em centros de convivência mantidos por ONGs e dorme à noite em abrigos públicos. Para se proteger, evita comentar sobre sua formação. “Sempre aparece alguém pedindo algo.” Na madrugada de ontem, pela primeira vez não conseguiu vaga num albergue. Estava lotado. Pela manhã, registrou boletim de ocorrência e apresentou queixa no Ministério Público pedindo providências para a insuficiência de vagas. “Não peço só por mim, mas por todos que estão na mesma.” MAICON BOCK

METRO PORTO ALEGRE

pos e 46,3% sozinhos Ler e escrever 82,3% sabem ler e escrever. 6% só escrevem o próprio nome e outros 8,1% não sabem ler e escrever Bairros Aumentou o número de moradores de rua no Centro (de 23% para 27,3%). No Floresta, caiu de 15,9% para 10%. No Menino Deus, de 11,7% para 7,7% Sexualidade 85,8% se declaram heterossexuais, 4,3% bissexuais, 1% gay ou lésbica, 0,5% travesti, 0,2% transexual e 8,3% não responderam

Vocabulário rebuscado evidencia que Jorge Amado é um morador de rua singular

9,6% estão sem casa há cinco anos R$ 72 Dos 1.347 sem-teto da capital, 9,6% estão nas ruas entre um e cinco anos, como o advogado Jorge Amado Ribeiro Soares. Conforme o censo da população de rua elaborado pela Fasc e pela UFRGS, a maioria (34,4%) está nas ruas desde o nascimento. A seis anos de poder solicitar aposentadoria por idade, Jorge Amado vive com R$ 72 do Bolsa-Família. É a única renda do advogado, que se alimenta e dorme em locais públicos e unidades de ONGs. Como passatempo, lê livros sobre filo-

do Bolsa-Família é a única renda mensal do advogado porto-alegrense que vive nas ruas da cidade.

sofia, história, literatura e acessa sites de jornais estrangeiros na internet. “Como gosto de praticar os conhecimentos que adquiri em cursos de espanhol e inglês, gosto de ler notícias nessas línguas”, conta.

81% dos moradores de rua são homens

METRO POA

Dados do censo permitirão subsídios a plano de enfrentamento à situação de rua O censo da população de rua realizado pela Fasc (Fundação de Assistência Social e Cidadania) e divulgado na segunda-feira é apenas uma das ações que integram o Plano Municipal de Enfrentamento à Situação de Rua, apresentado em dezembro passado. Um dos objetivos do plano é qualificar a rede de atendimento e assistência à população adulta em situação de rua, por meio do reordenamento dos serviços

e da implantação de novas modalidades. A Fasc já atua na oferta desses serviços, por meio do trabalho em rede e de ações de qualificação, como a capacitação permanente de trabalhadores, com monitoramento e avaliação de atividades. “O objetivo é propiciar condições para que as pessoas consigam deixar as ruas e viver com autonomia e dignidade”, disse a assistente social da assessoria de

planejamento da Fasc Marta Borba, ao comentar o plano. Coordenada pelo Grupo Gestor de Trabalho da Fasc, com apoio de uma consultoria externa contratada, a construção do documento final do plano foi desenvolvida de forma coletiva, entre os meses de abril e dezembro do ano passado. Ele atende às diretrizes da Política Nacional de Assistência Social e da Política Nacional para Inclusão So-

cial da População em Situação de Rua da capital. O plano surgiu a partir da necessidade de abordar a questão de modo interdisciplinar e intersetorial. A intenção é envolver secretarias municipais, pessoas em situação de rua, sociedade e entidades conveniadas à prefeitura no intuito de propor ações do poder público para assegurar dignidade às pessoas em situação de rua. METRO POA


04

www.readmetro.com

porto alegre

QUARTA-FEIRA, 11 DE ABRIL DE 2012

CPI pode ser instalada amanhã

CCJ autorizou ontem o Legislativo municipal a investigar convênios mantidos pelo Instituto Ronaldinho Gaúcho com prefeitura e Ministério da Justiça Primeira reunião da CPI deve ocorrer em um prazo de até dez dias ELSON SEMPÉ PEDROSO/CMPA

Depois de voltas e reviravoltas que quase inviabilizaram a investigação, a CPI do Instituto Ronaldinho Gaúcho deve ser instalada até amanhã. Liberada na manhã de ontem na CCJ (Comissão de Constituição e Justiça) da Câmara, a CPI espera apenas o ato formal do presidente Mauro Zacher (PDT) para começar a funcionar. O dirigente disse que espera apenas receber o parecer da CCJ para formalizar a instalação. “Minha preocupação era apenas com a legalidade. Se a CCJ liberou, então está liberado”, afirmou Zacher. A primeira reunião, entretanto, deverá se realizar apenas em um prazo de dez dias. A CPI pretende investigar seis convênios assinados entre a Prefeitura de Porto Alegre e o instituto para a execução de atividades educacionais e esportivas para estudantes da zona sul da cidade. Os repasses chegaram a R$ 5,7 milhões entre 2007 e 2010 – R$ 2,3 milhões foram repassados pelo Ministério da Justiça. A reunião na CCJ foi tranquila: dos sete vereadores da comissão, apenas um votou contra o parecer do relator Elói Guimarães (PTB). “Não restam dúvidas de que o pedido reúne as condições jurídico-

formais para autorizar a abertura da CPI”, justificou Guimarães. Segundo o vereador Mauro Pinheiro (PT), que propôs a investigação, a prestação de contas tem falhas. “Vamos chamar desde pais de alunos beneficiados até secretários municipais diretamente envolvidos com os convênios, como a secretária da Educação e o titular da Governança”, disse. A prefeitura cobra judicialmente uma dívida de R$ 354 mil do instituto por conta da má utilização dos recursos. Além disso, o parlamentar anunciou que deve convocar representantes da Procempa (Companhia de Processamento de Dados de Porto Alegre) para explicar o repasse de computadores ao instituto do jogador. O vereador vai presidir a CPI. Ele informou que pretende convocar também o procurador e irmão de Ronaldinho, Roberto de Assis Moreira, e até a mãe do jogador, dona Miguelina. “Ela assinou vários documentos. Não vejo por que não possa prestar esclarecimentos”, afirmou.

Como será A CPI do Instituto Ronaldinho Gaúcho terá prazo de 120 dias para as investigações, prorrogáveis por mais 60 dias. Serão 12 vereadores: dois do PT, que tem maioria na casa, e um de PDT, PTB, PMDB, PSDB, PSD, PSB, PP, PRB, PSOL e PPS. O PPL é o único partido que não terá representação. A partir da informação da presidência da Câmara so-

bre a instalação da CPI, os partidos têm cinco dias para indicar seus representantes. A CPI tem poder de convocação. Quem não atender a dois chamados da comissão pode ser constrangido a depor até por meio de força policial. A investigação deve se concentrar sobre seis convênios envolvendo os programas Letras e Gol e Jogos de Verão, mantidos pelo Instituto na zona sul de Porto Alegre.

Relator Elói Guimarães deu parecer favorável à CPI

Risco de vida

Figueira e cinamomo tiveram de ser serrados TARCÍSIO NOBRE/PMPA

Smam retira árvores Duas árvores que caíram sobre um casebre na vila Maria da Conceição, na zona leste, foram removidas ontem pela Defesa Civil, com apoio da Smam (Secretaria do Meio Ambiente). Uma mulher com três filhas e uma neta estão sob os cuidados do Demhab.

FLÁVIO ILHA

METRO PORTO ALEGRE

Prefeito vai a Brasília falar sobre metrô O prefeito José Fortunati se reúne hoje, em Brasília, com representantes do governo federal. Às 14h30, o encontro será com a ministra do Planejamento, Orçamento e Gestão, Miriam Belchior, e com o coordenador do PAC no Ministério do Planejamento, Maurício Muniz, para tratar da modelagem financeira do metrô e sobre as obras de mobilidade no bairro Humaitá para melhorar o fluxo originário da Rodovia do Parque, junto à Arena do Grêmio. Intervenções no bairro Humaitá também serão tema de reunião do prefeito com o diretor-geral do Dnit (Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes), Jorge Ernesto Pinto Fraxe, às 11h. A agenda em Brasília inclui ainda encontro com o ministro da Agricultura, Mendes Ribeiro Fi-

lho, às 10h. As agendas serão acompanhadas pelo secretário municipal de Gestão e Acompanhamento Estratégico, Urbano Schmitt. Entorno da Arena Será discutida ainda na reunião das 11h, com o Dnit, e também na agenda das 14h30, a liberação de recursos para obras no bairro Humaitá. O montante está previsto em emenda parlamentar da bancada gaúcha no valor de R$ 30,5 milhões, que precisa de liberação, para investimentos nas vias A. J. Renner e Ernesto Neugebauer. Em fevereiro, a prefeitura encaminhou à Caixa Econômica Federal projetos da primeira fase do sistema viário para a região, no valor de R$ 15,3 milhões. O investimento será custeado em parte por emenda parla-

mentar, originalmente de R$ 20 milhões, mas que teve apenas R$ 8,7 milhões empenhados pela União. O município aplicará mais R$ 1 milhão como contrapartida e trabalha na captação do valor restante. As intervenções incluem pavimentação, drenagem, sinalização e esgoto. Na reunião com Mendes Ribeiro Filho será tratado de convênio entre a prefeitura e o governo federal, no valor de R$ 1 milhão, para erradicação da tuberculose e do botulismo em bovinos, como estímulo à economia rural. Porto Alegre é a capital com maior produção agrícola proporcionalmente à área e ao número de habitantes, e a segunda capital com maior extensão rural (30% da área do município é utilizada na agricultura e pecuária). METRO POA

Breve

UPA deverá ter nome de Moacyr Scliar

Sede do escritório dos técnicos do metrô já está definida GABRIELA DI BELLA/METRO

PROJETO. O vereador Dr. Raul Torelly (PMDB) apresentou projeto de lei propondo denominar a UPA (Unidade de Pronto Atendimento) da zona norte de UPA Moacyr Scliar. A proposta, que tramita no Legislativo, foi motivada por sugestão do Cremers (Conselho Regional de Medicina). A unidade, que ampliará a oferta de atendimentos de urgência e emergência, está em fase final de construção. O atendimento deve começar em agosto. METRO POA


porto alegre

www.readmetro.com QUARTA-FEIRA, 11 DE ABRIL DE 2012

05

Capital concentra fumante e obeso Dados da Vigitel 2011 confirmam Porto Alegre na liderança do ranking nacional de tabagismo e de sobrepeso O porto-alegrense recebeu ontem um título nada honroso por parte do Ministério da Saúde: o de maior comilão e fumante entre todas as capitais do Brasil. Dados da Vigitel (Vigilância de Fatores de Risco e Proteção para Doenças Crônicas por In-

quérito Telefônico) apontaram que mais da metade dos 1,4 milhão de habitantes da capital está acima do peso e um em cada quatro adultos tem o hábito de fumar. Mais grave: 20% da população adulta não está só acima do peso, mas obesa.

Não estamos tão bem Principais indicadores da saúde do porto-alegrense Adultos fumantes

1º Porto Alegre

23%

2º Curitiba

20%

3º São Paulo

19%

4º Porto Velho

17%

5º Cuiabá

16% 0.000000

9.333333

18.666667

28.000000

Consumo de frutas e hortaliças cinco ou mais porções diárias

1º Florianópolis

25%

2º Palmas

24%

3º Belo Horizonte

24%

4º Distrito Federal

24%

5º Porto Alegre

23% 0.000000

10.666667

21.333333

32.000000

Consumo de carne com excesso de gordura

1º Cuiabá

49%

2º Campo Grande

48%

3º Boa Vista

44%

4º Palmas

43%

14º Porto Alegre

35% 0.000000

20.666667

41.333333

62.000000

Atividade física nas horas vagas

1º Florianópolis

41%

2º Vitória

36%

3º Belo Horizonte

35%

4º Belém

34%

5º Porto Alegre

34% 0

18

36

54

Excesso de peso/obesidade

1º Porto Alegre

55%/20%

2º Fortaleza

54%/18%

3º Maceió

53%/18%

4º Natal

52%/18%

5º Manaus

52%/18% 0.000000

Fonte: Vigitel/Ministério da Saúde

27.666667

55.333333

83.000000

Não é uma exclusividade de Porto Alegre. A pesquisa, realizada em todas as capitais com 54 mil entrevistas ao longo de 2011, mostrou um aumento do sobrepeso tanto em homens quanto em mulheres., em todas as faixas etárias acima dos 18

anos. “Precisamos aprimorar nossas políticas para evitarmos uma geração inteira de pessoas com excesso de peso”, disse o ministro da Saúde Alexandre Padilha na divulgação dos resultados. A situação da capital também preocupa no quesito ta-

bagismo, já que a média de fumantes adultos no Brasil caiu de 16,2% em 2006 para 14,8% no ano passado. Na capital, subiu de 21% para 23%. Segundo a coordenadora do Programa de Controle do Tabagismo de Porto Alegre, Vânia Micheletti, a cidade

historicamente ocupa o posto de maior consumo de tabaco. “Pode ser pela produção de fumo e pelo clima frio”, especula Vânia. O problema é combater os fumantes menores de idade. “Os resultados não são imediatos”, disse. METRO POA


06

brasil

www.readmetro.com QUARTA-FEIRA, 11 DE ABRIL DE 2012

Conselho de Ética abre processo para investigar Demóstenes Presidentes da Câmara e do Senado fecham acordo para criação de CPI que investigará relações com Cachoeira RENATO ARAÚJO/ABR

Eleito ontem, o novo presidente do Conselho de Ética do Senado, Antonio Carlos Valadares (PSB-SE), aceitou o pedido da representação do PSOL contra o senador Demóstenes Torres (GO) e abriu um processo por quebra de decoro parlamentar. As punições vão desde advertência até a perda do mandato. Se o conselho decidir que ele deve ser cassado, o pedido ainda terá que passar pelo plenário da Casa em votação secreta. Na semana passada, Demóstenes entregou uma carta ao comando do DEM pedindo sua desfiliação da legenda. A manobra foi feita para evitar sua expulsão, já anunciada pelos líderes do partido. O parlamentar será investigado pelas acusações de usar o cargo para favorecer o bicheiro Carlinhos Cachoeira, preso pela PF (Polícia Federal) em fevereiro acusado de coman-

“Não há necessidade de ter uma CPI lá e outra cá. ” PRESIDENTES DA CÂMARA, DEPUTADO MARCO MAIA (PT-RS)

dar um esquema de jogo ilegal em Goiás. Gravações de telefonemas feitas pela PF mostram Cachoeira falando sobre dinheiro que devia ser pago a Demóstenes. Amanhã será sorteado o relator que analisará o caso. A partir daí, Demóstenes terá o prazo de 10 dias para apresentar sua defesa ao Conselho de Ética. Paralelamente à abertura do processo no conselho, os presidentes da Câmara, deputado Marco Maia (PT-RS), e do Senado, José Sarney (PMDB-AP), fecharam um acordo para criar uma CPI mista que investigará as relações entre Carlinhos Cachoeira e parlamentares. METRO

Projeto legaliza casa de prostituição A Comissão do Senado que analisa mudanças no Código Penal propôs o fim de punições aos donos de prostíbulos. Segundo os membros da comissão, criminalizar estas casas só serve para que policiais corruptos ganhem propinas dos donos dos estabelecimentos. Atualmen-

te, os proprietários estão sujeitos a pena de reclusão de 2 a 5 anos, mais multa. Caso a proposta seja aprovada no Congresso, a mudança abrirá caminho para a regulamentação da profissão. Será possível estabelecer vínculos trabalhistas entre a prostituta e o empregador. METRO

Justiça bloqueia bens de traficante do Rio A venda de dois apartamentos avaliados em R$ 2 milhões, situados no bairro de Ipanema, na zona sul do Rio de Janeiro, foi bloqueada pela PF (Polícia Federal). Segundo informações divulgadas ontem pela PF, os imóveis de luxo pertenciam ao traficante Márcio

Na semana passada, Demóstenes se desfiliou do DEM, seu antigo partido

Batista, o Dinho Porquinho, um dos líderes da facção criminosa Comando Vermelho. O dinheiro seria proveniente do tráfico de drogas no Rio. Os bens estavam em nome de laranjas, que continuam foragidos. Porquinho e sua mulher estão presos em Pernambuco. METRO

Cônsul dos EUA no Brasil vê país longe do fim do visto MARK WILSON/GETTYIMAGES

A presidente Dilma Rousseff, que visitou ontem, em seu último dia de viagem aos EUA o Instituto de Tecnologia de Massachusetts, em Boston, dificilmente deve conseguir que o país coloque fim à obrigatoriedade do visto para brasileiros. Em entrevista ao portal “G1”, a cônsul norte-americana em São Paulo, Katie Caro, afirmou que o Brasil ainda não preenche os requisitos básicos para conseguir o benefício. “As regras para os países que entram no programa de isenção de visto são estabelecidas pela legislação dos EUA. No momento, o Brasil não preenche os requisitos para o programa”, explicou. Uma das exigências é a aprovação de pelo menos 97% dos pedidos realizados em um ano. Em 2012,

Hillary Clinton anunciou dois novos consulados

até agora, o Brasil está com 96% de aceitação das solicitações. Os outros pré-requisitos

cobrados pelo governo americano se referem à digitalização de todos os passaportes brasileiros e ao

compartilhamento mútuo de informações entre os governos dos dois países. METRO


08

economia

www.readmetro.com QUARTA-FEIRA, 11 DE ABRIL DE 2012

DANILO VERPA/FOLHAPRESS

Brasileiro gasta 7,7% mais por serviços Preços continuam subindo acima da inflação, segundo dados do IBGE De 64 serviços, 14 tiveram aumento superior a 10% em um ano Apesar da trégua no mês passado, os preços de serviços já subiram 7,75% nos últimos doze meses. De 64 itens consumidos pelos brasileiros, que incluem serviços de saúde, beleza, educacão e manutenção do carro, 14 apresentaram aumento superior a 10%, segundo dados do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística). No período, a inflação oficial ficou em 5,24%. Com uma alta de quase 30%, os serviços de mudança de casa registraram o maior aumento no acumulado dos doze meses até março. Em seguida, aparecem hotel (15,83%) e estacionamento (13,66%).

Altas acima de 10% Mudança Hotel Estacionamento Depilação Hospitalização e cirurgia Empregado doméstico Dentista Educação infantil Manicure Aluguel residencial Ensino médio Curso de informática Ensino fundamental Costureira Fonte: IBGE e Link Investimentos

0 000000

No entanto, os itens que têm pesado mais no orçamento das famílias brasileiras são empregada doméstica, com um au-

Variação de preços em 12 meses 29,90% 15,83% 13,66% 13,64% 12,09% 11,96% 11,56% 11,00% 10,93% 10,75% 10,38% 10,26% 10,24% 10,17% 12 333333

24 666667

37 000

mento de 11,9%, e o aluguel residencial (10,75%) neste início do ano. “A tendência é que os serviços, de uma forma ge-

ral, apresentem altas menores nos próximos meses”, afirma a economistachefe da Link Investimentos, Marianna Costa. No entanto, eles devem volar a subir com mais força em meados deste ano, devido às medidas do governo para estimular a economia e à redução da taxa básica de juros. A projeção da consultoria é que os preços dos serviços encerrem o ano com uma alta de 8,5%. Entre os itens que devem registrar aumento de preços estão cabeleireiro, manicure e serviços de saúde. Até março deste ano, o preço da manicure, por exemplo, já subiu 10,93%.

Estacionar o carro ficou 13,66% mais caro

METRO

DANIEL MARENCO/FOLHAPRESS

Bolsa brasileira segue mercado internacional e cai 1,88%

Bolsa de valores fecha em queda pelo 2o dia consecutivo

Setor bancário lidera lucro no Brasil

As bolsas caíram pelo mundo devido às preocupações com a desaceleração da economia chinesa, após a divulgação de dados mistos da balança comercial do país. Os temores dos investidores com a situação econômica na zona do euro, em particular na Espanha, também afetaram o desempenho do mercado internacional.

O setor bancário, representado por 25 bancos, foi o que registrou o maior volume de lucro entre as empresas de capital aberto em 2011 no Brasil. Segundo a Economatica, lucro somou R$ 49,4 bilhões no ano passado, crescimento de 14,48% em relação a 2010. O volume representa 39,4% do total das 344 empresas consideradas no levantamento, que não inclui Petrobras e Vale. METRO

A Bovespa acompanhou ontem as bolsas internacionais e fechou ontem em queda. O Ibovespa, principal índice da Bovespa, caiu 1,88%, aos 61.738,28 pontos. Foi o segundo dia consecutivo de declínio da bolsa brasileira. Na segunda feira, o Ibovespa fechou com redução superior a 1%, perdendo 1,21%. Em apenas dois dias, a Bolsa acumula perda de 3,07%.

METRO

2%

é a queda acumulada no ano da cotação do dólar, que seguiu o cenário de aversão ao risco e encerrou o pregão de ontem em valorização de 0,77%. Com isso, a moeda norte-americana está cotada a R$ 1,833.

Lojistas vão orientar Número de internautas chega a 79,9 milhões cliente a negociar dívida CARLOS CECCONELLO/FOLHAPRESS

O SPC Brasil (Serviço de Proteção ao Crédito) e a CNDL (Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas) informaram ontem que os mais de 800 mil lojistas associados em todo país irão orientar os consumidores com “débitos caros” a renegociar suas dívidas com os credores. Para o presidente da CNDL, Roque Pellizzaro Junior, a queda das taxas de juros abre oportunidade para que consumidores e lojistas busquem a renego-

ciação ampla das dívidas. “Nosso conselho é que o brasileiro busque melhores condições de negociação. Se o banco dele não tem taxas baixas, procure um que tenha, tome dinheiro emprestado mais barato e pague suas dívidas com juros menores.” As instituições também aconselharam que os lojistas busquem renegociar as suas dívidas com as financeiras e os bancos, com objetivo de reduzir os custos de suas operações. METRO

O Brasil atingiu 79,9 milhões de internautas no quarto trimestre de 2011, segundo uma pesquisa divulgada pelo Ibope ontem. O crescimento foi de 2% sobre o trimestre anterior, de 8% sobre o mesmo período de 2010 e de 19% em relação a 2009. O uso da internet em casa ou no local de trabalho também se manteve em crescimento em 2012. No primeiro trimestre, o acesso somente nesses locais chegou a 66 milhões de pessoas, de acordo com a pesquisa.

Segundo o Ibope, considerando o acesso doméstico à internet, o total de pessoas que possuem um computador em casa com internet chegou a 62,6 milhões. Destes, 39,7 milhões foram usuários ativos em fevereiro de 2012, um crescimento de 18% sobre o mesmo mês em 2011. O aumento, de acordo com a empresa, está associado ao crescimento de lares com banda larga com velocidades de mais de 2 Mbps que, em dois anos, cresceu mais de 300%. METRO

Banda larga de mais de 2 Mbps cresceu 300%


mundo

www.readmetro.com

09

QUARTA-FEIRA, 11 DE ABRIL DE 2012

No dia em que tropas deveriam começar a ser retiradas, 52 pessoas morrem no país Nações Unidas exigem cumprimento de plano de paz

Síria ignora cessar-fogo e ONU insiste em plano Crianças ficam sob os escombros da casa em que viviam em Homs, principal foco dos bombardeios

Garoto de 13 anos salva ônibus desgovernado O norte-americano Jeremy Wuitschick, 13, assumiu a direção do seu ônibus escolar após o motorista sofrer uma convulsão e perder o controle do veículo, lotado de crianças. A caminho da escola da cidade de Fife, no estado norte-americano de Washington, Wuitschick pulou do seu assento, assumiu o volante e conduziu o ônibus até a lateral da es-

trada após o motorista passar mal. Em seguida, o aluno da sétima série desligou o motor e retirou as chaves da ignição. Um administrador da escola, que estava passando de carro pelas imediações, entrou no veículo e fez primeiros socorros no motorista, que foi hospitalizado. Apesar do susto, não houve feridos no incidente. METRO

STRINGER/REUTERS

O primeiro dia do cessar-fogo imposto pela ONU à Síria vigorava ontem, mas pelo menos 52 pessoas morreram no país em conflitos entre tropas do ditador Bashar Assad e manifetantes que querem a sua renúncia. Do total, 28 vítimas eram civis; outras 19 faziam parte do exército e cinco lutavam pelo lado dos rebeldes, segundo o Observatório Sírio de Direitos Humanos. Pelo acordo de paz acer-

tado com o enviado da ONU ao país, Kofi Annan, o regime sírio tem um prazo que começou ontem e vai até amanhã para recolher as suas tropas das cidades e cumprir um cessar-fogo. O regime Assad e o ELS (Exército Livre Sírio) trocaram acusações mútuas sobre o descumprimento do plano de paz. As Nações Unidas não se pronunciaram sobre quem teria sido o responsável por quebrar o acordo e continuar o con-

“É evidente que o plano de paz não foi aplicado como previsto, mas isso não significa que ainda não possa ser implementado.” KOFI ANNAN, ENVIADO DA ONU

flito, que já matou pelo menos 9 mil pessoas desde janeiro do ano passado. Representantes do ELS ameaçaram ontem “atacar

o regime sírio em 48 horas de uma forma como nunca fizemos antes” caso Damasco continue bombardeando as cidades onde há maior concentração de opositores do governo. Apesar de não haver no horizonte nenhum sinal de uma solução para o confronto, Annan insistiu na vigência do plano de paz da ONU e exigiu que o cessar-fogo previsto seja instaurado até amanhã. METRO

Rússia vai derrubar foguete A defesa anti-aérea russa vai abater o foguete que a Coreia do Norte pretende lançar nos próximos dias, se o seu espaço aéreo for invadido pelo projétil, declarou ontem um portavoz do Estado-Maior Geral

das Forças Armadas da Rússia à agência oficial Interfax. A preocupação dos militares russos é que, em caso de falha, o foguete caia sobre as ilhas Curilas. Vários países, entre eles Japão, Coreia do Sul e Estados Unidos, condenaram o lançamento do artefato norte-coreano, considerado um teste encoberto de transporte de armas nucleares. METRO


10

2

www.readmetro.com

cultura

QUARTA-FEIRA, 11 DE ABRIL DE 2012

Os horrores do Fantaspoa DIVULGAÇÃO

Festival de Cinema Fantástico vai reunir 150 filmes Programação será dividida em sete mostras

cultura

Cena de “Snowman’s Land”, destaque da competição internacional

Saiba mais

Canções francesas ao meio-dia O Musical Petropar de hoje apresenta a cantora Tássia Minuzzo num show de canções francesas. Acompanhada do músico Michel Dorfman (piano), ela interpreta temas conhecidos como “Rien de Rien” e “Ne me quitte pas”. Tássia foi vencedora do Festival da Canção Francesa, em 2009. O show começa às 12h30, no foyer do Theatro São Pedro. Entrada franca. METRO POA

O Festival Internacional de Cinema Fantástico (Fantaspoa) será realizado de 4 a 20 de maio Serão exibidos 150 filmes, de 32 países A programação vai ser apresentada em quatro salas de cinema do centro de Porto Alegre: CineBancários, Cine Santander e Salas Paulo Amorim e Eduardo Hirtz da Casa de Cultura Mario Quintana Os ingressos terão o preço único de RS 5 A programação completa está no site www.fantaspoa.com

Assustador e mais abrangente. Assim deve ser o 8o Fantaspoa, marcado para o mês que vem. Toda a programação foi divulgada ontem pela dupla de organizadores, os pesquisadores e cinéfilos João Pedro Fleck e Nicholas Tonsho. À frente do festival desde o seu início, em 2005, eles comemoram neste ano o patrocínio da Petrobras. “Foi uma grande conquista. Vamos poder oferecer uma programação mais diversificada e com mais convidados”, diz Fleck. Uma das principais mostras do dito “cinema fantástico” na América Latina, o Festival Internacional de Cinema Fantástico de Porto Alegre terá 150 filmes em exibição. Quase 90 são longas-metragens, todos inéditos em Porto Alegre. “Destes filmes, cinco são première mundial e 43 são estreias na América Latina”, exalta Fleck. Uma das novidades deste ano será a mostra Panorama, com filmes que não se inserem exatamente no gênero fantástico mas investem no horror de certas situações cotidianas. São o caso, por exemplo, de “Vin-

gança Branca”, um filme chinês de artes marciais que retrata a luta de dois homens pelo poder, e do mexicano “O Inferno”, sobre um homem que entra para o narcotráfico e vive as consequências do mundo do crime. “Queremos buscar um público que não é tão fã dos filmes de horror", explica. Para os adoradores do gênero também haverá uma mostra especial, batizada de “Apocalipse Zumbi”. Como o próprio nome revela, muitos mortos-vivos estarão em cena. “A ideia é mostrar a diversidade na utilização destes personagens”, acrescenta. O festival ainda terá outras mostras, com destaque para a que reúne 25 filmes dos diretores homenageados – os norte-americanos David Schmoeller e Stuart Gordon – e as duas de longas em competição, uma voltada para a produção íbero-americana e outra de filmes internacionais recentes. “Nossa preocupação continua sendo a de oferecer uma programação de obras autorais e de alta qualidade artística", destaca Fleck. METRO POA

Rock com sotaque espanhol O nome sempre soa um pouco estranho – No Te Va Gustar, ou NTVG –, mas os uruguaios da foto ao lado formam uma das bandas nais representativas do bom e velho rock uruguaio. Nesta quinta-feira, eles fazem sua quarta apresentação em Porto Alegre, num show que será aberto por

outro conterrâneo, o rapper Socio. O NTVG está divulgando seu sexto disco, “Por Lo Menos Hoy”, lançado em 2010 em 15 países. O primeiro single do disco, a faixa “Chau”, concorreu a melhor música pop no Grammy Latino de 2011. Com um som que mes-

cla rock, reggae, ska e ritmos latinos, o No Te Va Gustar têm um público cativo em vários países latino-americanos, incluindo a Argentina. Com letras sensíveis e inteligentes, a temática do novo disco é diversificada: “Trata de amor e desamor, mas também de discriminação e

violência doméstica, para citar alguns exemplos” explica o vocalista da banda e compositor da maioria dos temas, Emiliano Brancciari. A formação do NTVG ainda tem Gonzalo Castex (percussão), Martín Gil (trumpete), Denis Ramos (trombone), Mauricio Ortiz (saxo tenor), Marcel

Curuchet (teclados), Diego Bartaburu (bateria), Guzmán Silveira (baixo) e Pablo Coniberti (guitarra). METRO POA

No Opinião (José do Patrocínio, 834) Amanhã, às 22h. R$ 50 Vendas no www.opiniaoingressos.com.br DIEGO VELASCO/DIVULGAÇÃO

Os uruguaios do No Te Va Gustar tocam amanhã no Opinião


www.readmetro.com

cultura

11

QUARTA-FEIRA, 11 DE ABRIL DE 2012

Um mundo de teatro "Adeus à Carne" é o novo espetáculo de Michel Melamed ANDRE MANTELLI/DIVULGAÇÃO

Festival Palco Giratório vai apresentar mais de 40 espetáculos em maio Espetáculos são representativos de vários estados brasileiros Odin Teatret é atração internacional Alguns dos principais realizadores do teatro brasileiro estarão em Porto Alegre no mês que vem, como convidados do projeto Palco Giratório Sesc/POA. É programação para agradar plateias de todos os estilos e preferências, já que vai do teatro experimental ao texto mais clássico. “A preocupação da curadoria não é reunir apenas os melhorespetáculos, mas também mostrar a diversidade regional”, aponta Jane Schöringer, coordenadora de cultura do Sesc/RS e integrante da curadoria

nacional. “Como o projeto passa por vários Estados, o intercâmbio entre os próprios artistas é sempre muito rico”, destaca. Em cada Estado também há uma seleção de espetáculos locais. Um dos destaques da programação abre o festival, no dia 4 de maio. É “Bait Man”, a nova montagem da Cia. dos Atores, do Rio de Janeiro, com texto e direção de Gerald Thomas. Quem também volta a Porto Alegre é o diretor Aderbal Freire Filho, que vai mostrar o monólogo “De-

pois do Filme”, em que interpreta o personagem que viveu no filme “Juventude”, de Domingos de Oliveira. Outro ator conhecido do público gaúcho é Michel Melamed, que propõe uma crítica ao Brasil contemporâneo na peça “Adeus à Carne”. Além de Melamed, que assina a direção, também estarão no palco atores como Bruna Linzmeyer, Thalma de Freitas e Giselle Motta. Da Bahia vem o elogiado “Pólvora e Poesia”, que reconta a trágica história de amor entre Paul Verlaine e

ço é www.festipoaliteraria.com. METRO POA

‘MDNA’ bate recorde negativo

Breves a

5 Festipoa Literária LIETARATURA. Já está no ar

o site com a programação da 5a Festipoa Literária, que vai de 18 a 28 de abril na Casa de Cultura Mario Quintana. Entre as atividades, uma conferência com Heloisa Buarque de Hollanda, um debate com Beatriz Rezende e Italo Moriconi e uma homenagem ao centenário de publicação de “eu”, de Augusto dos Anjos. O endere-

A poesia de Safo de Lesbos SARAU. Hoje é dia de Sa-

rau no Quarto no Centro Cultural CEEE Erico Verissimo (Andradas, 1223). A partir das 19h, a poetisa Daniela Damaris apresenta o programa “Sentimentos da Grécia”, com uma homenagem a Safo de Lesbos (séc. 7 a.C.). Devido ao conteúdo erótico, sua poesia sofreu censura na Idade Média e restaram apenas alguns fragmentos. METRO POA

MADONNA. O mais recente disco da cantora americana Madonna, “MNDA”, quebrou um recorde nada animador. O álbum registrou a maior queda de vendas da história da indústria fonográfica para DIVULGAÇÃO

A musa vendeu pouco

Arthur Rimbaud, na França do século 19, enquanto o Paraná vem com “Oxigênio”, da Cia. Brasileira de Teatro. Também estão confirmadas as apresentações da Cia. Mungunzá (SP) com “Luis Antonio – Gabriela”, e do Grupo Lume, que participa com um monólogo interpretado pelo seu fundador, Carlos Simioni. O festival também terá uma atração que é referência no mundo inteiro: o Odin Teatret, formando na Noruega há quase 50 anos por Eugene Barba. A companhia vem ao Brasil com uma segunda semana: 88% (46 mil cópias) a menos do que na primeira semana (359 mil). METRO RIO

Rock gaúcho em concerto ORQUESTRA. A série Con-

certos Populares, da Ulbra, volta com um baita espetáculo no dia 28 de abril, no Salão de Atos da UFRGS. Vários expoentes do rock gaúcho – Wander Wildner, Tonho Crocco, Carlo Pianta, Frank Jorge, entre outros – vão interpretar seus sucessos com a orquestra. METRO POA

dois espetáculos: “Ode ao Progresso” e “As Grandes Cidades sob a Lua”. Jane destaca a predominância de grupos na programação, o que vai ao encontro da proposta colaborativa do projeto. “Também há um forte compromisso com a formação de plateias”, acrescenta. Durante todo o período do festival, haverá oficinas e debates abertos ao público, inclusive com Eugene Barba. MÔNICA KANITZ

METRO PORTO ALEGRE

Saiba mais O Festival Palco Giratório Sesc/Poa está em sua sétima edição A programação vai de 4 a 27 de maio Os espetáculos serão apresentados em 20 espaços de Porto Alegre, incluindo teatros, praças e escolas Os ingressos começam a ser vendidos no dia 23 de abril, no Sesc Centro (Alberto Bins, 665). Os preços vão de R$ 5 (comerciários) a R$ 20 (público em geral) Programação completa no site www.sesc-rs.com.br


12

cultura

www.readmetro.com QUARTA-FEIRA, 11 DE ABRIL DE 2012

Romance vê narcotráfico sob a perspectiva de uma criança ‘Festa no Covil’, de Juan Pablo Villalobos, foi citado como um dos cinco melhores livros de iniciantes em 2011

RENATO PARADA/DIVULGAÇÃ O

Tochtli é um garoto de poucos amigos. Órfão de mãe e mimado pelo pai, ele divide o tempo entre aulas particulares, uma coleção de chapéus e jogos de Playstation. Seria uma criança qualquer se não fosse, na verdade, filho de um narcotraficante. É a partir do ponto de vista dela que o escritor mexicano Juan Pablo Villalobos desenrola a narrativa de “Festa no Covil” (Companhia das Letras, 96 págs., R$ 29,50), seu primeiro romance. Lançada em 2010 na Espanha pela editora Anagrama – de nomes como Roberto Bolaños e Enrique Vila-Matas –, a obra, que chega agora às livrarias do país, teve carreira meteórica e foi apontada pelo jornal inglês “The Guardian” como um dos cinco melho-

res livros de autores estreantes de 2011. Casado com uma brasileira e morando em Campinas desde o ano passado, o autor começou a escrever o livro durante um doutorado em literatura, em Barcelona. “Se eu ainda morasse no México, provavelmente não teria escolhido esse tema por ele estar muito na mídia. Mas a distância me fez pensar que essa era uma maneira interessante de trabalhar a questão do aprendizado do exercício do poder”, afirma o autor.

“Aprendemos o exercício de poder pela nossa cultura de violência e de desigualdades.” JUAN PABLO VILLALOBOS

O trunfo do romance está justamente no humor suscitado pela ingenuidade de Tochtli, o narrador. Seu olhar nos mostra como o crime e a violência vão sendo naturalizados. A prosa de Villalobos evidencia, sem moralismos, o absurdo da situação. “É uma perspectiva ao mesmo tempo cruel e inocente”, diz. O autor acaba de colocar o ponto final em seu próximo romance, “Si Viviéramos en un Lugar Normal”, que sai em setembro, na Espanha. Narrado por uma adolescente, a obra é a segunda parte da trilogia de cunho político iniciada em “Festa no Covil”. AMANDA QUEIRÓS METRO SÃO PAULO

O escritor mexicano Juan Pablo Villalobos, que vive em Campinas


www.readmetro.com

variedades

Medo de perder celular torna-se fobia

Os invasores

por Farini

Leitor fala Amapá

Cruzadas

Pesquisas mostram que é alta a quantidade de pessoas que temem não estar com o aparelho à mão Sentir-se muito angustiado com a ideia de perder seu celular ou de ser incapaz de ficar sem ele por mais de um dia é a origem da chamada “nomofobia”, contração do inglês “no-mobile phobia”, doença que afeta principalmente os viciados em redes sociais que não suportam ficar desconectados. Um estudo realizado com cerca de mil pessoas no Reino Unido revelou que 66% dos britânicos se dizem “muito angustiados”com a ideia de perder seu celular. A proporção chega a 76% nos jovens entre 18 e 24 anos, segundo uma pesquisa realizada pela

13

QUARTA-FEIRA, 11 DE ABRIL DE 2012

empresa de soluções de segurança SecurEnvoy. Na França, o fenômeno é parecido: 22% das pessoas admitem ser “impossível” ficar por mais de um dia sem celular, segundo uma pesquisa realizada em março pela empresa Mingle com 1.500 utilizadores. Esta porcentagem chega a 34% entre os jovens de de 15 a 19 anos. “O smarpthone destruiu uma forma de fantasia. Tudo está disponível em uma tela e não há mais espontaneidade ou surpresa, como encontrar um restaurante sem querer”, lamenta Phil Marso, organizador do Dia Mundial Sem Celular.

Não é preciso ir ao Amapá para ficarmos escandalizados, como sugere o leitor José A. Ribeiro. Quando soubemos da notícia de que no distante estado um deputado estadual ganha por ano 15 salários de R$ 20.042,00, verba indenizatória de até R$ 1,2 milhão, além de diárias de até R$ 2.600,00, ficamos enojados com esses agentes, que de homens públicos nada têm, pois quando deveriam estar lutando pela sociedade apenas se aproveitam dela para rechear seu patrimônio com o dinheiro que deveria estar sendo aplicado nas inexistentes e reclamadas políticas públicas. Se há base legal para todos esses pagamentos, então estamos diante do que interpretaria como corrupção legalizada. Lino Abel Nunes – Porto Alegre, RS

Custo Brasil, Mr. Obama A presidenta Dilma aproveitou o encontro com o presidente Obama para reclamar da política de “expansão monetária” dos países desenvolvidos que, segundo ela, “põe em risco” o crescimento das economias emergentes. Na visita à Casa Branca, Dilma Rousseff disse a Barack Obama que a “desvalorização das moedas dos países desenvolvidos” provoca um desequilíbrio cambial. A primeira vista é bem capaz do presidente Obama ficar com pena das economias emergentes e do Brasil. Contudo, se Obama ouvisse falar do “Custo Brasil” ficaria espantado e exclamaria “ohhhh!”

METRO COM AGÊNCIAS

Marcelo do Vale Nunes – Guaíba, RS

Sudoku

Pergunta Na sua opinião, por que é tão difícil reduzir o número de adultos vivendo nas ruas de Porto Alegre? Siga o Metro no Twitter: @jornal_metroPOA

@demiandiniz: Era promessa do governo de José Fogaça! @fischonatel: Se houvesse mais verba para os albergues da capital e existisse mais espaço, acho que reduziria em 30%.

Web Para falar com a redação: leitor.poa@metrojornal.com.br Participe também no Facebook: www.facebook.com/metrojornal

Vício atinge principalmente os jovens IMAGE SOURCE/ERIC BRANCO/FOLHAPRESS

Horóscopo

www.estrelaguia.com.br

Está escrito nas estrelas

Áries (21/3 a 20/4) Você só vai vencer os desentendimentos e desafios do seu dia com o apoio de pessoas íntegras ou autoridades que estarão prontas a manter a ordem das coisas. Touro (21/4 a 20/5) Fique do lado correto das coisas, mas antes de qualquer atitude procure estudar melhor as situações. Evite incentivar pessoas com propósitos equivocados. Gêmeos (21/5 a 20/6) Insegurança causada por desentendimentos dos outros, você pode se sentir ameaçado pelas brigas e incoerências das decisões e atitudes das outras pessoas. Câncer (21/6 a 22/7) Hora de reagir e mostrar que você sabe se virar muito bem e tem café no bule. Conte com o apoio de pessoas importantes e com a opinião pública a seu favor.

Leão (23/7 a 22/8) Desarmonia com parceiros e amigos, grandes chances de você estar lutando bravamente, no entanto, do lado errado dos acontecimentos, dia sujeito a desgastes. Virgem (23/8 a 22/9) Dedicação extra para dar conta de desafios e empecilhos que podem surgir no seu caminho, levante o astral e não olhe para trás, esforce-se para vencer. Libra (23/9 a 22/10) Dia de agir mais e pensar menos, muita transpiração para fazer as coisas acontecerem. Conte com a boa vontade de pessoas que querem ver as coisas corretas. Escorpião (23/10 a 21/11) Retomada de assuntos passados que precisam ser resolvidos com um pouco mais de dedicação da sua parte. Não é hora de ficar parado esperando tudo acontecer.

Sagitário (22/11 a 21/12) Deixe de lado fofocas e mexericos, agora é hora de se dedicar com mais empenho em seus objetivos pessoais para poder materializar as coisas que você deseja. Capricórnio (22/12 a 20/1) Corra atrás dos seus sonhos, vista a camisa e trate de se esforçar, pois ninguém fará isso por você. Os resultados da sua dedicação só servem para você mesmo. Aquário (21/1 a 19/2) Trate de garantir os seus objetivos mesmo que você tenha que enfrentar uma montanha de concorrências, pois todo o seu sacrifício pode acabar valendo a pena. Peixes (20/2 a 20/3) Dia de acreditar que é possível mudar o mundo e se entregar de cabeça a tarefas e atividades que ajudem as outras pessoas a viverem melhor. Desejo de ajudar.


14

www.readmetro.com

turismo

+ Opções de sites Veja alguns endereços para aluguel de temporada no exterior.

airbnb.com O Airbnb oferece opções de casas, apartamentos, quartos privados e compartilhados em 19 mil cidades de 192 países.

QUARTA-FEIRA, 11 DE ABRIL DE 2012

Encontre o seu ‘host’ Turistas trocam o conforto dos hotéis por locação de apartamento mobiliado Sites próprios para aluguel de temporada têm opções de casas e apartamentos para todos os bolsos e destinos no mundo Trocar o tradicional quarto de hotel pela locação temporária de um apartamento mobiliado vem sendo uma boa alternativa para os turistas que desejam economizar alguns tostões com a hospedagem nas férias. Encontrar um “host” disponível em qualquer lugar do mundo é mais simples do que parece. A nova onda dos viajantes funciona apenas com um clique. Sites especializados no aluguel de temporada oferecem opções de casas e apartamentos a diversos preços e estilos. “Além de economizar com a hospedagem, o turista usufrui de uma casa montada durante a viagem”, diz Jakob Kerr, gerente de comunicação da Airbnb, site que oferece esse tipo de serviço em 192 países. Espanha, Estados Unidos e França são os destinos mais procurados. O preço do aluguel varia de acordo com a localização e tipo do imóvel. A diária para duas pessoas em um hotel quatro estrelas em

“O serviço de aluguel de temporada cresceu muito no Brasil. Nos últimos nove meses as reservas aumentaram 600%.” JAKOB KERR, DA AIRBNB

Serviço nacional Que tal anunciar seu imóvel na praia, interior ou capitais brasileiras? Esse é outro serviço oferecido pelos sites de aluguel de temporada. Manhattan, Nova York, é em média US$ 280, por exemplo. Já a diária na mesma região em um apartamento mobiliado varia de US$ 100 a US$ 300. O serviço também é vantajoso para viagens em grupo. Ao di-

Loft ou castelo encantado?

A inscrição no site é gratuita. O único gasto do proprietário será após a locação – 3% do aluguel deve ser destinado para o site. Ao cadastrar o imóvel, são incluídas fotografias e informações, como localização, número de cômodos, etc. MP vidir os gastos, na maioria das vezes, o preço por pessoa é bem menor do que a diária em um bom hotel. A forma de pagamento pelo serviço é determinada pelo site. Alguns permitem que o locatário pague em

espécie diretamente para o dono ou por meio de transação bancária. Outros sites recebem o pagamento e repassam para o proprietário. O procedimento do site é muito simples. Ao fazer a busca pela cidade que de-

Opções de imóveis vão desde um simples apartamento a castelos, casas na árvore e mansões

seja, o usuário encontra uma variedade de opções com fotos dos cômodos e preços variados. MARIANNA PEDROZO METRO SÃO PAULO

Dicas para não entrar em uma fria Site de confiança: navegue apenas em sites próprios para o aluguel de temporada. Sites de locação de imóveis nem sempre são confiáveis.

homelidays.com Site oferece cerca de 75 mil acomodações em 100 países. As maiores ofertas estão na Europa.

1

2

1. Castelo na Inglater-

welcome2ba.com O Welcome2ba oferece locação de apartamentos em Buenos Aires. Além disso, o site oferece opções para translado do aeroporto até o imóvel.

ra com cinco quartos, piscina e acomodação para dez pessoas. Diária: R$ 2.380 para dez pessoas

2. Loft em Nova York. Diária: R$ 380

3

3. Casa dentro de um avião na Costa Rica. Diária: R$ 680

Escolha certa: os sites oferecem comentários de pessoas que já se hospedaram no local. Opte por imóveis com mais de um testemunho, de preferência, recente. Regras da casa: certifiquese de quais são as regras do imóvel antes de fechar o aluguel. Em alguns casos não é permitido fumar ou levar mais visitantes do que é permitido pelo imóvel. Se o número de pessoas for excedido o locatário pode cobrar uma taxa extra.


esporte

QUARTA-FEIRA, 11 DE ABRIL DE 2012

Nova chance Após punição, Jô foi reintegrado ao elenco do Inter Fluminense, de Fred, derrubou todos os seus adversários na Libertadores em 2012 RICARDO MORAES/REUTERS

Flu defende invencibilidade Melhor campanha da Libertadores, com 100% de aproveitamento, o Fluminense entra em campo, hoje para defender a sua invencibilidade e assegurar a primeira posição do Grupo 4. O adversário das 22h, no Engenhão, será o copeiro Boca Juniors. A liderança da chave é do Flu com 12 pontos. O Boca vem em segundo com 7. O empate garante os cariocas em primeiro lugar. O técnico Abel Braga ainda não sabe se poderá contar com o volante Edinho, que recupera-se de torção no tornozelo, mas deve jogar. O Boca não contará com Riquelme. Já o Co-

rinthians joga por um empate contra o Nacional (PAR) para avançar. METRO POA

Libertadores 5ª rodada Hoje 19h45 - Chivas x Vélez Sarsfield 22h - Fluminense x Boca Juniors 22h - Nacional-PR x Corinthians 6ª rodada Amanhã 19h30 - Olimpia x Emelec 19h30 - Flamengo x Lanús 21h50 - Allianza Lima x Libertad 21h50 - Nacional-URU x Vasco

da não foi confirmado. METRO POA

Breves

Blatter irá ao Senado VISITA. O presidente da Fi-

fa, Joseph Blatter, irá ao Senado para apressar a votação da Lei Geral da Copa. O dirigente aceitou o convite do senador Roberto Requião (PMDB-PR), presidente da Comissão de Educação, Cultura e Esporte. O dia da visita ain-

Ferj ‘apaga’ expulsões BORRACHA. Após divulgar a

súmula do clássico entre Flamengo e Vasco, onde o árbitro Wagner de Souza relatou que foi agredido e expulsou cinco jogadores vascaínos, a Ferj (Federação Carioca de Futebol) publicou ontem, uma nova versão sem os cartões vermelhos. METRO RIO

15

www.readmetro.com

ALEXANDRE LOPS/INTERNACIONAL

Após ter ficado de fora dos últimos seis jogos, Jô está de volta ao grupo de jogadores do Inter e diz ter aprendido a lição após refletir bastante no período em que foi afastado do elenco colorado. O atacante passou a treinar em separado após não ter embarcado para a partida contra o The Strongest, em 19 de março. “Pedi desculpas para todos. Esses dias fora serviram para refletir. Estou de volta e estou feliz”, comentou o jogador. Os motivos que o fizeram não embarcar com a delegação e não avisar os dirigentes não foram esclarecidos. Jô, inclusive, não contestou as versões de que teria patrocinado uma grande festa em sua casa na véspera da viagem. “Todo mundo sabe o que aconteceu. Não quero entrar em detalhes sobre isso”, afirmou. Quando o tema da entrevista coletiva rumou para as reclamações de seus vizinhos devido ao eventos em sua casa, o atacante, autor de quatro gols em 2012, foi duro na declaração. “Não tenho relações com ninguém. Meus amigos estão aqui no clube. Se alguém estiver incomodado, que se mude”. Apesar do retorno, Jô perdeu o status de substituto imediato de Leandro Damião e foi para o fim da fila na posição, ficando atrás do avante Gilberto. METRO POA

3

esporte

Copa do Brasil Segunda fase Jogos de ida Jô diz ter aprendido a lição, mas não entrou em detalhes sobre seu comportamento

NOVO CAPÍTULO

Justiça dá prazo ao São Paulo Antes de tomar qualquer decisão ao pedido de ação cautelar, espécie de efeito suspensivo, solicitado pelos advogados do meia Oscar, o ministro do TST (Tribunal Superior do Trabalho) Renato de Lacerda Paiva concedeu ao São Paulo período de cinco dias para que o clube pau-

lista conteste a solicitação do jogador. Só depois desse período o mérito do processo será analisado e uma decisão sobre a liminar será tomada. Na segunda-feira, Lacerda Pavia havia solicitado novos documentos aos advogados do atleta. A papelada foi entregue ontem. De acordo com nota publicada no site do TST “se for deferida a liminar, Oscar poderá voltar a jogar pelo Sport Club Internacional, de Porto Alegre (RS).” METRO POA

Hoje 21h50 - Ponte Preta x Paraná 21h50 - Chapecoense x Cruzeiro 21h50 - Remo x Bahia 21h50 - Bahia de Feira x São Paulo 20h30 - Penarol x Atlético-MG 20H30 - ABC x Vitória Amanhã 20h30 - Fortaleza x Náutico Jogos de volta Hoje 19h30 - Grêmio (1) x (0) Ipatinga 19H30 - Coritiba (0) x (1) ASA 21h50 - Goiás (0) x (0) AméricaMG 21h50 - Sport (1) x (2) Paysandu Amanhã 19h30 - Atlético-PR (2) x (1) Criciúma 19h30 - Portuguesa (0) x (2) Juventude


16

www.readmetro.com

esporte

QUARTA-FEIRA, 11 DE ABRIL DE 2012

Com o meio-campo titular

Pela Europa

Em vantagem, Grêmio enfrenta o Ipatinga pela Copa do Brasil, no Olímpico LUCAS UEBEL/GRÊMIO FBPA

A terceira fase da Copa do Brasil está a 90 minutos de distância do Grêmio. Basta não ser derrotado pelo Ipatinga, da Segunda Divisão Mineira, hoje à noite, no Olímpico. No primeiro jogo, na semana passada, o Tricolor venceu por 1 a 0. Vanderlei Luxemburgo, após testar um esquema com três zagueiros e outro com três atacantes, poderá voltar a atuar a partir das 19h30 no 4-4-2 com o ingresso do meia Marco Antônio, recuperado de lesão, e colocar para jogar o seu meio-campo titular. Apesar da vantagem, o discurso gremista segue sendo cauteloso. “Precisamos ter todos os cuidados possíveis e necessários. O futebol apresenta surpresas”, opina o Gilberto Silva. O zagueiro volta ao time após ter fraturado o nariz contra o Avenida. Para proteger a região machucada, ele atuará com uma máscara. Prevenido, o elenco treinou cobranças de pênaltis, ontem. Mesmo que Luxemburgo tenha duas voltas ao time, os problemas seguem aparecendo. O lateral Júlio Cesar voltou a sentir dores no joelho, realizou exame de imagem e ficará de fora da partida de hoje. VALTER JUNIOR

METRO PORTO ALEGRE

1

3

2

STRINGER/ALBERT GEA/DARREN STAPIES/REUTERS

Marco Antônio volta ao time e Luxemburgo escalará meio-campo titular

“Nós temos que garantir a classificação. O time deles é qualificado e vai vir aqui para reverter a situação. Eles vêm sem responsabilidade e podem complicar a situação se abrirem o placar.” ANDRÉ LIMA

Jogo aberto

SOPA DE LETRINHAS LEONARDO MENEGHETTI leitor.poa@metrojornal.com.br

A UJR venceu a Afusca. América e ALAF empataram. E o mais surpreendente: A ADS perdeu em casa para a BGF, 5 a 4. Eu sei, o prezado leitor nem imagina do que estou falando. Me refiro ao futsal gaúcho, que se transformou numa sopa de letrinhas. É um monte de siglas e se o senhor aí sabe o que quer dizer alguma destas acima está de parabéns. Na classificação, a AGSL lidera, seguida por ACBF, ALAF, Assoeva, BGF e UJR. AES e ADS ocupam as últimas colocações. Esta é a Série Ouro do futsal estadual. Porto Alegre está riscada do mapa. Nem na Série Prata tem algum clube participando. O site da Federação Gaúcha de Futsal anuncia: “Rodada eletrizante pela Série Ouro”. E na página uma foto de um ginásio esvaziado. Nas placas de publicidade que aparecem, mais da metade são de outra sigla: FGFS. Ou seja, a pró-

15

jogadores do Grêmio marcaram gol nesta temporada. O time ainda contou com dois gols contra nos 44 marcados pelo Tricolor. Do time que enfrentará o Ipatinga, hoje, Léo Gago é quem foi às redes em maior quantidade – quatro vezes.

Grêmio: Victor; Gabriel, Gilberto Silva, Werley e Pará; Fernando, Souza, Léo Gago e Marco Antônio; Bertoglio e André Lima Técnico: Vanderlei Luxemburgo Ipatinga: Bruno; L. Brasília, Cláudio Luiz, Pedrão e Azevedo; Bruninho, Leanderson, Éverton e W. Bruno; Laércio e Jonatas Obina.Técnico: Ney da Matta Estádio: Olímpico, em Porto Alegre, às 19h30 Transmissão: Rádio Bandeirantes, Sportv e ESPN

pria Federação Gaúcha de Futsal não conseguiu rentabilizar seus espaços. Dá pena. O futsal gaúcho vai minguando, respirando graças ao empenho de alguns empresários abnegados, apaixonados pela modalidade. E que ainda resistem. Investem com amor, apesar da inoperante gestão que se tem à frente da entidade. A ACBF, de Carlos Barbosa, é um destes exemplos. Time estruturado, paixão da cidade, alma do empresário Clóvis Tramontina. Na mesma linha a Assoeva, de Venâncio Aires, e o Atlântico, de Erechim. Federação Gaúcha de Futsal e Federação Gaúcha de Futebol são irmãs. Funcionam na mesma rua, a 30 metros de distância, e têm diretores que transitam de uma entidade para outra. O presidente da FGFutsal é Dárcio Castro, esforçado ex-jogador da modalidade e que teve uma passagem ruim como diretor de futebol profissional do Inter. É apadrinhado de Francisco Novelletto, o presidente da FGF. O departamento de marketing do futsal está sob o comando de Wesley Cardia, que já exerceu a mesma função na FGF. Um dos diretores da Federação de Futsal é ex-assessor de Novelletto na FGF. Enfim, um círculo de bons amigos, que se entrelaçam ainda com o Esporte Clube São José. Ex-presidente de lá é diretor aqui. Filho

1

O Milan assumiu a liderança provisória do Campeonato Italiano ao bater o Chievo, fora de casa, por 1 a 0, ontem. Em uma partida truncada, o único gol saiu em chute de fora da área de Muntari. Os Rossoneri foram a 67 pontos, dois a mais que a Juventus, que hoje encara a Lazio. METRO POA

2

Com dois gols de Alexis Sanchez, o Barcelona venceu o Getafe por 4 a 0, pelo Campeonato Espanhol. Os outros foram marcados por Messi e Pedro. Com os três pontos, o Barça fica a um do Real Madrid, que hoje tem clássico contra o Atlético de Madrid. METRO POA

3

Andy Caroll, nos acréscimos, deu a vitória ao Liverpool por 3 a 2 sobre o Blackburn, ontem, pelo Campeonato Inglês. Maxi Rodríguez fez os outros dois dos Reds, que tiveram o goleiro brasileiro Doni expulso. Hoje o líder Manchester United enfrenta o Wigan. METRO POA

de diretor de um trabalha no outro. Infelizmente a fórmula não consegue fazer do futsal gaúcho uma modalidade organizada e credenciada para crescer. Da mesma forma que teve uma passagem insossa pelos profissionais do Inter, Dárcio Castro vai tropeçando como presidente do futsal gaúcho. Fez uma frustrada e equivocada tentativa de resgatar a dupla Gre-Nal à modalidade. Mas não teve competência nem habilidade. O projeto naufragou e com ele a esperança um de um futsal regional pulsante. Não sei se a Federação Gaúcha de Futsal contempla os anseios de quem está na diretoria. Mas os interesses da modalidade em Porto Alegre e no Estado estão completamente esquecidos. Quem lembra da quadra do Colégio Rosário lotada para ver Barata, Eugênio, Pauleti, Cocão, Belinho, Choco, Morruga, Ortiz, Biazeto, Branco e outros tantos sabe que é preciso refletir sobre a situação atual. Inter, Grêmio, Gondoleiros, Gaúcho, Teresópolis, Juvenil e outros tantos fizeram confrontos históricos. Treinadores, como Barata, Gato, Laerte, Espanhol e Joca ajudaram a fazer a história do futsal porto-alegrense e gaúcho. Pena que a FGFS chute esta história para fora da quadra. E risque Porto Alegre do mapa das grandes competições.

O jornalista Leonardo Meneghetti assina todas as quartas-feiras esta coluna, que aborda temas esportivos.

Rubinho terá direito a benefícios A Fórmula Indy acatou em parte o pedido de Rubens Barrichello para ser considerado um estreante na categoria. Apesar de não oferecer ao brasileiro o prêmio de Rookie Of the Year (Estreante do Ano), ele conseguiu alguns benefícios que são concedidos aos novatos. Rubinho terá 30 minutos a mais para testar o carro antes das provas, como têm os outros estreantes. O brasileiro poderá integrar o Grupo 1 na primeira sessão de treinos livres e receber um conjunto extra de pneus. METRO


PORTO ALEGRE - QUARTA-FEIRA, 11 DE ABRIL DE 2012


20120411_br_portoalegre  

ROCK COM SOTAQUE ESPANHOL NO TE VA GUSTAR TOCA NO OPINIÃO {pág 10} Com nome de escritor, Jorge Amado é um dos 12 moradores de rua de Porto A...