Issuu on Google+

Proposta para identidade visual

30Âş Bienal de SĂŁo Paulo

Luciana Orvat


currículo

Luciana Orvat luciana@luorvatdesign.com.br www.luorvatdesign.com.br + 55 11 9381.5866

FORMAÇÃO ACADÊMICA Pós-graduação Design Gráfico e Humanidades USP :: Maria Antonia | conclusão 2009 Graduação Arquitetura e Urbanismo FAU USP | conclusão 2005

CURSOS Arte, História e Sociedade: Hegel e Nietzche com Vladmir Safatle USP :: Maria Antonia | ago 2010 Performance em Expansão com Lucio Agra USP :: Maria Antonia | jul 2008 Design para um Mundo Complexo com Rafael Cardoso USP :: Maria Antonia | fev 2008

História do Design Brasileiro com Rafael Cardoso USP :: Maria Antonia | out 2007 Design Gráfico dos Anos 60 com Chico Homem de Melo USP :: Maria Antonia | out 2004 Produção Gráfica com Lorenzo Bauer Senac São Paulo | ago a dez 2003 Pensadores do Design Visual com André Stolarski USP :: Maria Antonia | out 2003 Fotografia com Celina Yamauchi USP :: Maria Antonia | jan e fev 2002 Flash Avançado e Animação Interativa ENG DTP | set e out 2007 Três Encontros sobre Arte Contemporânea com Agnaldo Farias Festival de Arte da Serrinha | jul 2007

PALESTRAS E SEMINÁRIOS Design e Felicidade com Stefan Sagmeister Escola Panamericana de Arte | nov 2010 O design como ele é com Chico Homem de Melo USP :: Maria Antonia | mar 2009 O espaço pictórico e a navegação visual com Rafael Cardoso USP :: Maria Antonia | jun 2009 DESIGN QUO VADIS 1º Seminário de Design da FAU USP FAU USP | nov 2008


ATIVIDADES PROFISSIONAIS

OUTROS PROJETOS

LuOrvat Design design gráfico | direção de arte desde jun 2008

Soy lomo por ti Exposição coletiva de lomografia com Adelaide Ivánova e Lorena Travassos Espaço Serralheria | out 2010

Creari Artecomunicação design gráfico | direção de arte mai 2006 - jun 2008 Lâmpada Soluções em Comunicação design gráfico | assistência de arte out 2005 - fev 2006

Free Lancer Desenvolvimento de projetos em segmentos variados da comunicação visual para clientes como USP, Petrobrás, Kinoosfera Filmes, Colors Magazine (Grupo Beneton), etc. de 2001 a 2008

Noosfera Projetos Especiais design gráfico | assistência em projetos de arte contemporânea e arquitetura set 2004 - out 2005

O projeto “Colors Notebook Brasil” Seminário apresentado aos alunos do curso de graduação em design gráfico e editoração. Faculdade Belas Artes | set 2007

Via Funchal design gráfico jun 2004 - out 2004

Projeto de museografia para a exposição De Evgen Bavcar Curadoria de João Bandeira e Elida Tessler Rede SESC | set 2003

Elcio Kudo Studio | BE, COMUNICAÇÂO design gráfico [ estágio ] out 2003 - jun 2004 Centro Universitário Maria Antônia da usp design gráfico [ estágio ] jun 2001 - out 2003

Projeto de museografia para a exposição “Fotopoesia” Curadoria de João Bandeira Biblioteca Infantil Monteiro Lobato Prefeitura de São Paulo | mai - jun 2003


portfólio

expo valie export

signo e logo

Paço das Artes, Belo Horizonte, MG abr - mai 2011 Identidade visual para a exposição.

catálogo: capa e páginas do miolo


sistema de sinalização: textos e legendas


portf贸lio site ator EDUARDO OKAMOTO

livro Possibilidades da fotografia contempor芒nea


proposta

Conceito

Ao admitir que um projeto de identidade visual consiste, entre outras coisas, em criar metáforas para revelar ou ressaltar conceitos, valores e mensagens de uma entidade (seja ela um produto, uma instituição, um evento, uma marca, etc.), adotar a imagem das constelações e suas relações, proposta de antemão pela curadoria, foi inevitável: não parece haver sentido em arriscar uma outra solução, uma vez que a figura parece tão apropriada para transmitir conceitos de multiplicidade, evolução, dinâmicas tempoespaciais, coletividade e rede. Não há razão para enigmas visuais num evento de tamanho alcance e que busca extrapolar de sua propria estrutura, seu conceito funcional.


Definir um conjunto de diretrizes extenso e fechado parece não dar conta de atender a vocação coletiva dessa edição da Bienal. Como se poderá notar nas próximas páginas, o estudo desenvolvido é bastante aberto e livre. Um processo comum de redução culminou num módulo-base que poderá ser trabalhado de muitas formas: variações de cores de preenchimento e contorno, organização e disposição, dimensão, proporção, transparência, dentre outras. Alinhada à idéia colaborativa do workshop, essa possibilidade, além de discutir a autoria do projeto gráfico, intencionando expandi-la à todos aqueles que em algum momento trabalharem sobre ele, permite também a otimização de aplicações e melhor adequação de uso em diferentes meios e plataformas: impressas, digitais, espaciais, etc..

30 pontos [estrelas ou outros corpos celestes] ligados por linhas simples [relações / interações], cujo agrupamento configura um módulo-base [uma constelação]. Da mesma maneira, este módulobase [constelação] pode ser multiplicado e agrupado de muitas formas, de acordo com a aplicação, uso ou relevância contextual.


No vídeo disponibilizado, o curador Luiz Perez-Oramas aponta o projeto gráfico como “corpo visível” da Bienal. Enquanto plataforma poética, o projeto gráfico vive o processo de iminência antes mesmo da tentativa de representá-lo. Explico: Ainda que o número da edição (30º) figure de maneira gestual e orgânica, aludindo aos aspectos individuais que compõe a coletividade, a utilização da estrutura modular nos remete aos pioneiros da disciplina no país - alguns deles também autores dos cartazes para as primeiras edições. Entendendo o sentido como uma relação contextual, a utilização dos modulos é ressignificada, ilustrando a iminência compartilhada pela arte e também pelo design.

bienal de são paulo a iminência das poéticas > 20 set a 14 dez 2012

Como sugestão para o desenvolvimento no workshop, refinaria este estudo a partir da discussão com colegas, orientadores e equipe curatorial. Por fim, sugeriria linhas gerais de aplicações para as peças solicitadas (devidamente relacionadas na convocatória).

bienal de são paulo a iminência das poéticas > 20 set a 14 dez 2012


proposta

zonas curatoriais

módulo base

zona transversal

fragmentação do modulo-base para identificação das quatro zonas curatoriais e da zona transversal.

reversos poéticos

4 zonas curatoriais aLterações poéticas

sobrevivências poéticas derivas poéticas

vozes poéticas


proposta

setor educativo noções de composição cromatica são inseridos no módulo-base; possibilidade de criação de peças, como o tangram para projetos infantis, por exemplo.

educativo 30º bienal


proposta

tipografia sugerida museo | museo sans | museo slab jos buivenga 2008 exljbris

museo

The quick

brown

fox jumps over the lazy dog The quick brown fox jumps over the lazy dog The quick brown fox jumps over the lazy dog

Geométrica e com excelente legibilidade, a fonte MUSEO é, ao mesmo tempo, bastante original e amigável. A versão sem serifa tem baixo contraste e dá ótima leitura aos textos e aplicações digitais. Sua versão serifada ganha robustez sem perder o

carisma. Todas as variações são bastante versáteis: com 5 diferentes pesos cada uma (exceto pela SLAB com um pesoextra), oferecem suporte para muitos alfabetos - fator importantíssimo para um evento internacional.

museo sans

museo slab

The quick brown

The quick

fox jumps brown fox

over the lazy dog The quick brown fox

jumps over the lazy dog

jumps

The quick brown fox

over the lazy dog

the lazy dog

The quick brown fox

The quick brown

jumps over the lazy dog

jumps over fox jumps over the lazy dog


proposta

proposta

aplicações tridimensionais

dispositivos digitais

a versatilidade do módulo-base permite sua construção tridimensional para uso nos projetos cenográficos, design ambiental e sistemas de sinalização.


proposta

possibilidades

bienal de são paulo a iminência das poéticas > 20 set a 14 dez 2012

bienal de são paulo a iminência das poéticas > 20 set a 14 dez 2012

bienal de são paulo a iminência das poéticas > 20 set a 14 dez 2012


proposta

publicidade aplicações em postais, anúncios, etc.

bienal de são paulo | a iminência das poéticas | 20 set a 14 dez 2012

bienal de são paulo | a iminência das poéticas | 20 set a 14 dez 2012

BIENAL DE SÃO PAULO BI a iminência das poéticas > 20 set a 14 dez 2012


Proposta 30º Bienal de São Paulo