Page 1

Ano 5 - Número 57 - Porto Alegre/RS

Atletas pelo Brasil:O jogo só termina quando todo mundo vence

O Jornal do Running

Circuito Caixa completa 10anos

www.sprintfinal.com.br

Guia de Corridas e Caminhadas no Rio Grande do Sul

Corredores pelas ruas do Rio Grande do Sul Veja as corridas nas diversas cidades do interior gaúcho.


02

Petit Poa, casa de festas completa 4 anos, consolidando sua marca

No ano de 2013 a PetitPoa Casa de Festas esta completando 4 anos de funcionamento. Ao longo deste tempo, foi sendo aprimorado os serviços, trazendo novidades e preservando o conceito de fazer festa com alimentação de qualidade e com muita diversão para as crianças e grandinhos. Segundo os proprietários Sheila e Vinícius, a procura tem sido muito significativa e superado as expectativas: “Notamos também, que a procura por casas de festa não só aumentou como também mudou, as festas eram na sua maioria, para comemorar do 1º ao 5º aniversario. Atendemos muitos clientes que nos procuram para comemorar 10, 11 e 12 anos, pois temos atrações e um espa-

ço que agrada muito a garotada teen É super gratificante para nós que idealizamos o negócio perceber que o nosso trabalho é “PRODUZIR ALEGRIA” e que isso realmente acontece. Temos muitos clientes que nos acompanham desde o início e já comemoram 2, 3 até 4 aniversários na PETIT POA. Nosso atendimento é nosso cartão de visitas, eu e o Vinicius estamos sempre por perto trabalhando junto com a equipe de colaboradores, o sucesso da festa é a soma de todos os detalhes e

do trabalho em equipe. Alguns atrativos da casa são: Salão de brinquedos dos sonhos da gurizada, pátio ao ar livre com quadrinha poliesportiva, camarote com mesas de jogos, acessibilidade, ambiente climatizado, estacionamento fácil e com segurança, espaço baby: amamentação e fraldário, bay window com vista e acesso para área baby Capacidade para 140 pessoas. Visite o site e conheça as novidades. www.petitpoafestas.com.br

Fotos Divulgação

Running RS

Julho

Corrida do Meio Ambiente da Cidade de Esteio

LB Fotografia


03

Julho Fotos: Arquivos Pessoais

Foto: Arquivo Pessoal

ANIVERSARIANTES DO MÊS

Rodrigo Bacher - 02/07 Eduardo Friedrich - 04/07

A dúvida é o principio da sabedoria". Aristóteles Não há nada melhor para o homem que comer, beber e gozar o bem-estar no seu trabalho. Mas eu notei que também isso vem da mão de Deus; 25. pois, quem come e bebe, senão graças a ele? Àquele que lhe é agradável Deus dá sabedoria, ciência e alegria; mas ao pecador ele dá a tarefa de recolher e acumular bens, que depois passará a quem lhe agradar. Isto é ainda vaidade e vento que passa. Eclesiastes 2, 24-25 Chegou no dia 28 de junho a linda Eduarda Dambacher Ribas, para alegria da mamãe Luciane Dambacher e do papai Leonardo Ribas. Parabéns!

Luciana Dias Kremer

38 anos Assessora De Mercado - Área de Combustiveis Por que começou a correr? Como a maioria das pessoas, comecei a correr para perder peso. Treina em que momento do dia? Muito cedo, antes do trabalho (6:30 da manhã) e aos finais de semana, também pela manhã, mas não tão cedo. Como é seu treinamento? Faço muita rodagem, corro de terças a domingos, geralmente durante a semana, corro 13km por treino e finais de semana, um pouco mais. Eventualmente faço tiros para melhorar velocidade No que a corrida melhorou sua vida? Muitas coisas! Me ajudou

Julia Dubin Melnick - 09/07 Christine Nascimento - 10/07

a melhorar capacidade cárdio respiratória, melhorou a auto estima, fiquei mais sociável e muito mais confiante. Ajuda a espantar a fadiga e aliviar (e muito) o stress. Qual seu sonho em relação às corridas? Correr por muitos e muitos anos e fazer uma maratona abaixo de 3h15min.

Fernanda Pizzato - 12/07

Jorge Goebel - 12/07

Dica para quem quer começar a correr... Entenda que condicionamento físico se adquire aos poucos, que é um processo lento, gradativo e contínuo. Respeite o limite do seu corpo, do contrário, você vai detestar correr! (risos) O que é mais importante na vida para você? Correr FELIZ!!!! Não gosto de muita competitividade,

Parabéns Leonardo, por mais esta conquista. Angela Santarem - 14/07

Camila Fernandes - 20/07

Chegou o Tênis Sprint Final Adquira o seu:

Sprint Final Final Empresa Jornalística Ltda

CNPJ: 11.768.337/0001-60

Renato Loro Cezimbra Diretor/Jorn. resp. 15939

Conforto Leveza Personalização

Correio Eletrônico

anuncie@sprintfinal.com.br redacao@sprintfinal.com.br atendimento@sprintfinal.com.br

Telefone: (51) 39079987 Periodicidade: Mensal Impressão: Grupo CG Filiado a

www.asprinttenis.com.br

ALIE SUA MARCA AO ESPORTE anuncie@sprintfinal.com.br - (51) 39079987


04

30a Maratona de Porto Alegre

Na manhã do domingo de 16/06, os atletas quenianos venceram mais uma vez as principais provas da Maratona Internacional de Porto Alegre, agora em sua 30ª edição. E com direito a dobradinha. Kiprop Mutai levou a etapa masculina, enquanto Ednah venceu a feminina. Não houve quebra de recorde nacional, por isso ninguém levou o prêmio de 50 mil reais. A distância da maratona é de 42,19km e da rústica, 8km. Foram mais de 6 mil inscritos, num evento especial pelo 30º aniversário, sua maior participarção aconteceu na maratona de

revezamento (com equipes de dois, quatro ou oito competidores). Alegria contagiante aconteceu com as provas da maratoninha. Várias categorias de meninos e meninas dos três a quatro anos correram em 50 metros e a largada foi uma comemoração só, com os pais no local de chegada abraçando os filhos. Aconteceu o mesmo entre os pequenos corredores dos cinco a seis anos, em 60 metros. Saíram também os de sete e oito anos (80 metros), nove e 10 anos (200 metros), 11 e 12 anos (300 metros) e 13 a 14 anos (400 metros).

Foto: Lucas Saporiti

Os vencedores da 30a Maratona de Porto Alegre em 16/6/2013 : Maratona Masculino 1o Kitrop Mutai(Kenya) 2:16:23 2o Marcos Alexandre Elias (Cruzeiro) 2:17:31 3o Eliezer de Jesus Santos(Pé de Vento) 2:17:56 Maratona Feminino 1a Ednah Mukhwana (Kenya) 2:32:41 2a Jacklyne Chemwek Rionoripo (Kenya) 2:32:50 3a Graciete M C Santana(Faz Atleta) 2:46:47 Cadeirante masculino 1o Jaciel A Paulino (Fila-Avianca-Mecatro 1:52:50 2o Carlos R O. Santos (Paradesporto/Cia) 2:01:12 3o Altemir Luis de Oliveira 2:06:34 4o Carlos Neves de Souza (Fila), pneu furou na prova Cadeirante feminino 1a Angelina Nascimento da Silva (Rede Solo)3:53:32 2a Erinelda Rodrigues da Silva (Otica Venus)4:26:09

Julho

Etapa Erechim do Circuito Sesc/RS de Corridas de Rua

Foto: Celso Zardo

A manhã do domingo (14/07) foi de corrida de rua em Erechim. A oitava etapa do Circuito Sesc de Corridas 2013 reuniu na cidade 541 desportistas de várias regiões do Rio Grande do Sul. A prova, que teve largada às 9h, na Praça Jayme Lago, foi dividida em categorias adulto (a partir de 16 anos), com distâncias de 3km, 5km e 10km, e infantil, com percursos de 1km para categoria A (10 a 12 anos) e 2km para categoria B (13 a 15 anos). Confira, abaixo, os três primeiros colocados de cada categoria adulta. A iniciativa do Sistema Fecomércio-RS/Sesc é composta por 14 etapas, distribuídas em diversas cidades, além da final estadual, marcada para 8 de dezembro, na Capital. Neste ano, as provas já passaram pelos municípios de Osório, Santana do Livramento, Camaquã, Rio Grande, Porto Alegre, Santa Cruz do Sul e São Leopoldo. A próxima etapa do Circuito Sesc de Corridas será em Torres, no dia 4 de

Maratona Caixa da Cidade do Rio de Janeiro realiza doação para Instituições

Instituto da Criança, Médicos Sem Fronteiras e Ação da Cidadania foram contempladas com mais de 70 mil reais. Organização doou R$ 5,00 de cada inscrição. Uma das corridas mais queridas do planeta aconteceu no dia 7 de julho, no Rio de Janeiro A Maratona Caixa da Cidade do Rio de Janeiro abraçou uma causa social em 2013. A Spiridon e a Dream Factory, organizadoras da prova, que aconteceu no dia 7 de julho, doaram mais de 70 mil reais para Instituto da Criança, Médicos Sem Fronteiras e Ação da Cidadania. No ato da inscrição, cada corredor podia escolher uma entre três organizações - Médicos Sem Fronteiras, Instituto da Criança ou Ação da Cidadania – para receber R$ 5,00 que seriam doados pela organização do evento. Toda a renda arrecadada foi repassada diretamente à instituição escolhida pelo participante da Maratona Caixa da Cidade do Rio de Janeiro. O Instituto da Criança recebeu R$29.920,00, favorecendo o

apoio a 12 de seus projetos patrocinados no Rio de Janeiro e em São Paulo. Serão contemplados projetos que promovem o empreendedorismo social, cidadania pela arte, acolhimento de crianças e jovens com deficiência, atendimento psicológico, entre outros. A organização humanitária internacional Médicos Sem Fronteiras (MSF) recebeu uma doação no valor de R$ 29.865,00. A quantia doada pelas empresas Dream Factory e Spiridon Promoções e Eventos equivale ao tratamento de cerca de 2 mil crianças desnutridas durante um mês ou a vacinação de aproximadamente 44 mil, contra o sarampo. A Ação da Cidadania que oferece programações regulares de qualidade, promove o gosto pelas artes e o intercâmbio cultural também foi incluída na ação, recebeu R$5.890,00. Eles realizam capacitação de crianças e jovens em situação de risco social, iniciando-os na arte e cultura, fazendo-os atuar e contribuir na difusão e desenvolvimento de diferentes manifestações.

agosto, e já tem inscrições abertas no site www.sesc-rs. com.br/circuitodecorridas. Nas categorias Livre e Comerciário de 3km, o campeão do Circuito será quem vencer a última etapa do ano, que acontecerá em Porto Alegre. Comerciários de todo o Estado têm a chance de conquistar o título, já que os vencedores das provas anteriores classificam-se para a etapa final e têm os custos de transporte, hospedagem e alimentação para a capital subsidiados pelo Sesc/RS. Os vencedores estaduais (nas categorias Livre e Comerciário) serão premiados com estadias em um dos hotéis do Sesc/RS. Além disso, a escola ou entidade que participar com o maior número de atletas na categoria Infantil em cada uma das etapas é premiada com um kit esportivo. Mais informações e o regulamento da prova podem ser acessados no site www.sesc-rs.com.br/ circuitodecorridas.

2ª Etapa do Circuito de Corridas em Ijui

Os 128 atletas que disputaram a segunda etapa do Circuito Municipal de Corridas de Rua de Ijuí no domingo (23/06) pela manhã superaram a baixa temperatura e mostraram muita motivação para percorrer os 6,5 km da categoria adulto e 3,1 km da categoria estudantil. A prova teve largada do Complexo Poliesportivo. Os corredores de Ijuí, Cruz Alta, Panambi, Ibirubá, Santo Ângelo, Carazinho, Salto do Jacuí e São José do Cedro (SC) fizeram uma corrida de alto nível. O atleta Antônio Ramos Me-

deiros, de São José do Cedro, um dos destaques veio especialmente à cidade para disputar a Corrida e deixou a etapa satisfeito com o acolhimento que teve em Ijuí. Elogiou a organização da corrida e prometeu voltar. André Clovis Herter foi o primeiro colocado no geral masculino com o tempo de 22 minutos e 48 segundos. Josiane de Fátima Anhaia ganhou no geral feminino com o tempo de 22minutos e 59 segundos. Os dois integrantes do Clube de Corredores de Ijuí (CCI) também venceram a primeira etapa.

Golden Four ASICS Porto Alegre Foto: Arquivo Pessoal

A temperatura na casa dos 8 graus ajudou os cerca de 1500 atletas a baixarem suas marcas nos 21k da Golden Four ASICS em Porto Alegre. A largada às 7h, com divisão por baias de performance mediante a comprovação de tempo, a hidratação a cada três qui-

lômetros, os marcadores de ritmo, e o percurso rápido e plano, ajudaram a fazer dos 21k da ASICS, uma das melhores etapas de todas. A Asics Brasil agradece à todos os participantes, pela consolidação dos 21k da marca na capital gaúcha

Gramado Adventure Running 2013

Aconteceu na Serra Gaúcha a 5ª edição da corrida de aventura, 51 km, Gramado Adventure Running, participações na categoria solo, dupla, trio e sexteto, ainda aconteceu a Rústica de 5km e a Gramadinho para as crianças.

Foto: Arquivo Pessoal

A G R O N E G Ó C I O , F O N T E D E C R E S C I M E N T O P A R A O R S. A agricultura é fonte de sustento para o homem do campo. Ela impacta toda a cadeia de negócios de nosso Estado. Produzindo alimentos para todos os gaúchos, o setor é frequentemente prejudicado por secas e estiagens. Para combater esse cenário, criamos, na Assembleia Legislativa, uma lei que ajuda a amenizar o problema. Além de instituir a Política Estadual de Combate, Prevenção e Administração das Consequências Ocasionadas pela Seca e Estiagem no Estado, a Lei também criou um Fundo Estadual, que reúne e canaliza recursos para contornar os efeitos causados aos agricultores e à nossa sociedade como um todo. A Assembleia trabalha para a construção do futuro do Rio Grande do Sul. L e i : 12 . 4 8 8/ 2 0 0 6

www.al.rs.gov.br HISTÓRIA DAS LEIS


o a u . a . o l e . a o s m .

05

Julho

Etapa Porto Alegre do Guia Running Circuito de Corridas Night Run, evento que acontece pelo mundo.Foto: Arquivo Pessoal

Caminhada da Lagoa do Peixe Saída: 14/09 - 8h Chegada: 15/09 -15h

Corrida Noturna em Rio Grande

Foto: Arquivo Pessoal

e o r s . à a a

Circuito Regional Etapa Santo Ângelo

No domingo, 14 de julho, foi realizada em Santo Ângelo a segunda etapa do circuito regional de corridas de rua. No geral masculino, o ijuiense André Clóvis Herter ficou em terceiro lugar. Em primeiro, chegou Alex da Silva Ribeiro de Santa Cruz e, em segundo, Leandro vieira de são Luiz

Gonzaga. No geral feminino, a ijuiense Josiane de Fátima Anhaia ficou em terceiro. No topo do pódio, duas santo-angelenses: Maria Rosana em primeiro e Luciana beatriz da luz em segundo. Participaram 269 atletas representando mais de 20 municípios.

20ª Rústica do Peixe em Tramandaí Aconteceu no domingo,14/07, em meio a programação da Tradicional Festa do Peixe de Tramandaí a 20ª Rústica adulto e infantil. Foto: Arquivo Pessoal

ATLETAS PELO BRASIL : O JOGO SÓ TERMINA QUANDO TODO MUNDO VENCE!

Há mais de dois anos, a associação Atletas pela Cidadania vem tentando chamar a atenção do governo para a importância de uma agenda de legado dos grandes eventos esportivos. Copa e Olimpíadas têm um valor inegável para o país que as recebe, mas somente se tornam uma oportunidade efetiva quando a prioridade do interesse público é a regra e quando existam propostas concretas de Legado Esportivo e Social. O interesse público e a transparência têm que prevalecer em todas as ações: nas obras, construções, intervenções sociais ou investimentos públicos e privados. Mais do que isso: todos os recursos gerados pelos eventos devem ser destinados ao desenvolvimento social e econômico do país, chegando de forma positiva na vida das pessoas. Nós, Atletas pela Cidadania, somos contra a destinação de recursos públicos para benesse de alguns, as remoções que violam os direitos humanos, a corrupção e a falta de transparência nas decisões e nas contas. Tudo isso é contra o espírito e os valores do Esporte. Acreditamos nos valores positivos do Esporte e sabemos do seu impacto no desenvolvimento do país. O Esporte é direito de todos os brasileiros. Melhora a saúde e a qualidade de vida, diminui a evasão escolar, aumenta o desempenho dos alunos. Repetimos: há mais de dois anos apresentamos uma agenda positiva ao país, com dois pontos centrais para o Legado Esportivo e Social da Copa e das Olimpíadas: o Esporte acessível a todos os brasileiros e a urgente revisão do Sistema Esportivo Nacional. As diretrizes são claras. Limitar o mandato de dirigentes esportivos, definir os papéis e integrar os entes federativos,

abrir à participação democrática de atletas, qualificar educadores e profissionais esportivos permanentemente, ampliar a infraestrutura esportiva pública. São medidas para garantir o acesso ao Esporte para todas as pessoas, de norte a sul. Além de desenvolver a cultura esportiva no país e levar os benefícios do Esporte a todos. E como consequência natural, também melhorar o esporte de alto rendimento e suas conquistas. Felizmente, o país hoje clama por mudanças. A agenda pública deve se balizar pelo que seu povo decide e não só pelo que seus governantes acreditam que sejam as prioridades. O dia a dia do poder tem afastado a máquina pública do interesse público. Vivemos uma crise da democracia representativa, cuja solução está em ouvir diretamente os detentores reais do poder - o povo. Queremos ser ouvidos e por isso demandamos: 1. A criação de um comitê interministerial para a reestruturação da legislação do sistema esportivo nacional e a criação de um Plano Nacional de Esporte. Com metas, estratégias, métricas de avaliação e resultados claros. Um comitê com participação da sociedade, com voz e voto, liderado pela Presidência da República. 2. Aprovação de legislação que dispõe sobre as condições necessárias para as entidades do Sistema Nacional de Esporte receberem recursos públicos (emenda nº à MP 612 e emenda nº à MP 615). 3. Total transparência dos investimentos e das apurações referentes às denúncias de violações de direitos humanos nos grandes eventos esportivos, como exploração sexual infantil, remoções sociais forçadas, sub-emprego.

ANUNCIE COM QUEM ENTENDE DO ASSUNTO Sprint Final sempre trazendo o que tem de melhor para você. Anuncie aqui e leve o seu produto para um público inteligente e de bem com a vida


06

Comunidade carioca recebe corrida Embratel Borel de Braços Abertos

Projeto leva esporte e cidadania a regiões pacificadas do Rio de Janeiro e terá inscrições gratuitas pela primeira vez No domingo, 14 de julho, o morro do Borel, um dos mais tradicionais do Rio de Janeiro, localizado na Tijuca, recebeu a corrida Embratel Borel de Braços Abertos, uma verdadeira festa do esporte e da cidadania. A grande novidade desta edição foi a gratuidade das inscrições para as corridas de 5 e 10 km. “Estamos muito felizes por proporcionar um projeto que busca a integração

dos moradores do Borel por meio do esporte, e que ajuda no resgate da cidadania desses moradores e enche de orgulho a todos os cariocas”, diz Marcello Miguel, Diretor Executivo de Marketing e Estratégia Corporativa da Embratel. O projeto de Braços Abertos já passou pelas comunidades Rocinha, Vidigal e Manguinhos. Com o apoio da Polícia Militar, por meio do Batalhão de Operações Policiais Especiais (BOPE) e do o Comando de Polícia Pacificadora a corrida tem o objetivo de mudar

a maneira como o carioca interage com as comunidades da cidade. "A Tijuca demonstrou, nos últimos três anos, estar verdadeiramente de braços abertos para a construção e manutenção de um ambiente de paz. Por isso, o bairro receberá o projeto pela primeira vez no dia 14 de julho", afirma o tenente coronel René Alonso, comandante geral do BOPE. O Projeto Embratel Borel de Braços Abertos também levará à comunidade concursos de fotografia e grafite - Fotografe Esta Ideia e Grafite Seu Esporte. Ambos distribuirão premiações em dinheiro para os melhores trabalhos. As inscrições para os concursos poderão ser feitas pela página virtual do evento. A comunidade também ganhará do projeto uma oficina de capacitação profissional. Nesta ação, os moradores do Borel receberão cursos para trabalhar em eventos esportivos e poderão mostrar o aprendizado recebido durante a corrida. Para o time mirim, o evento oferecerá uma corrida infantil com participação gratuita. Serão 500 vagas reservadas para crianças de 1 a 12 anos

Julho

Décima edição do Circuito Caixa é a mais forte da história do evento.

Passando por quatro das cinco regiões brasileiras, a competição teve quebra de recordes em quase todas as etapas no primeiro semestre, além de elevado nível técnico entre os corredores A edição histórica de dez anos do Circuito de Corridas CAIXA é também a mais forte, até o momento. A competição encerrou o primeiro semestre com crescimento médio de 35% nas inscrições em quatro das cinco etapas realizadas e recordes batidos em três delas. A quinta prova, marcando a estreia de Salvador no calendário, em 16 de junho, teve o significativo número de 2.500 competidores inscritos. "A CAIXA patrocina mais de 300 corridas por ano, de nível nacional e internacional. Entre elas, o Circuito CAIXA tem crescido de 10 a 15% todos os anos a cada etapa. É uma

das poucas competições que apresentam esse crescimento", destaca Hélio Takai, diretor da HT Sports & Marketing, agência organizadora do evento. "A etapa de Salvador, por exemplo, teve um volume de participação muito expressivo para uma estreia." Para manter a confiança de atletas e público em geral, a HT Sports procura estabelecer limites para o crescimento das provas. "A nossa preocupação é de gerar crescimento dentro de um limite técnico, ordenado. A escolha de novas praças, como a de Salvador, obedece a uma série de critérios. Analisamos se o local é interessante para o corredor, se tem a infraestrutura adequada e se vai proporcionar geração de negócios aos parceiros envolvidos", enumera Helio Takai. O nível técnico dos competidores também subiu nesta temporada, tornando

as disputas cada vez mais acirradas. Três das cinco etapas realizadas - Goiânia, Uberlândia e Campo Grande - tiveram quebra de recorde nos 10 km, todas elas por africanos, que dominaram o primeiro semestre do Circuito CAIXA. "Mesmo com os africanos vencendo todas as provas do circuito até agora (ganharam ainda em Belo Horizonte e Salvador), os resultados dos brasileiros também melhoraram muito. Basta comparar os tempos feitos este ano com os registrados nas últimas temporadas", defende Takai. Para o diretor da HT Sports, ver um brasileiro no topo do pódio do Circuito CAIXA é uma questão de tempo. "Em algumas provas, só não tivemos um competidor do Brasil vencedor por falta de sorte", diz, lembrando a etapa de Salvador, onde a chuva acabou atrapalhando atletas acostumados ao calor baiano. Foto: Divulgação


07

Julho

Maratona Caixa da Cidade do Rio de Janeiro encanta domingo dos cariocas Foto: Divulgação

Evento reuniu 22 mil corredores na “Cidade Maravilhosa” para provas de Maratona, Meia Maratona e Olympikus Family Run. “Veterano” Giomar Pereira dos Santos e “Novato” Altobeli Santos da Silva recolocam o Brasil no lugar mais alto do pódio Todo o privilégio de ser considerada uma das

mais belas maratonas do mundo foi confirmado neste domingo, 7 de julho, pela Maratona Caixa da Cidade do Rio de Janeiro. Uma mistura de cenário único pela orla, céu aberto e 22 mil amantes das corridas – distribuídos entre as provas de Maratona (42 km), Meia Maratona (21 km) e Family Run (6 km) – proporcionou uma manhã especial na

“Cidade Maravilhosa”. Os grandes vencedores do dia foram o baiano Giomar Pereira dos Santos e o paulista Altobeli Santos da Silva, vencedores, respectivamente, da Maratona e da Meia Maratona. Aos 42 anos, o baiano Giomar percorreu em 2h18min03s os 42 km da maratona – que largou na Praça do Pontal Tim Maia,

CLASSIRUN INFORMAÇÕES E VENDAS (51) 3737.9896

no Recreio dos Bandeirantes, e, antes de chegar ao Aterro do Flamengo, passou pelas praias do Recreio, Reserva, Barra da Tijuca, São Conrado, Leblon, Ipanema, Copacabana e Botafogo. Há três anos um brasileiro não conquistava a Maratona do Rio. “Minha especialidade é a prova de 10 km, e por isto a vitória aqui no Rio de Janeiro é ainda mais gratificante. O momento mais complicado da prova foi na subida próxima ao quilômetro 13, mas consegui me recuperar na descida e reencontrar o bloco dos líderes. Quando cheguei no quilometro 38 e vi que estava entre os três melhores pensei: ‘tem 20 mil pessoas me esperando! Não vou perder. Vou para o tudo ou nada’. Aí deu tudo certo”, disse Giomar entre muitos pedidos de fotos por parte dos fãs. Na categoria feminina, ninguém foi mais veloz que a etíope Letay Negash, que deixou as adversárias para trás e terminou a prova com o tempo de 2h40min18s. “É minha primeira vez aqui no Brasil e gostei muito de participar da prova. O trajeto ao longo do

mar é belíssimo”. Marily dos Santos, Campeã da Corrida da Ponte em 2011 e 2012, além de vice em 2013, foi a melhor brasileira na Maratona Caixa da Cidade do Rio de Janeiro. Com o tempo de 2h26min07s, a alagoana foi a quarta colocada. “Além das africanas, as brasileiras também são muito boas. Fico feliz em ser a melhor entre elas”. Altobeli Santos põe fim ao jejum na Meia Maratona O Brasil também viu o fim da fila de títulos nos 21 km da Meia Maratona Caixa da Cidade do Rio de Janeiro. Com o tempo de 1h04min02s, o paulista Altobeli Santos da Silva, de 23 anos, recolocou o país no topo do pódio, o que não ocorria desde 2008. “Antes de largar, não pensava em vitória, mas no decorrer da prova senti que estava bem. Quando cheguei ao final, no quilômetro 20, o Giovani, meu parceiro de equipe, falou: ‘se você está bem, sai do bolo!’ Aí eu acelerei e só pensei na linha de chegada”. Já entre as mulheres, foi a queniana Ednah Mukhwana que, cronometrando 1h16min08s, terminou na primeira colocação.

“Estou muito feliz com a vitória. Já participo de provas no Brasil há cinco anos e gosto muito do pessoal daqui. São todos muito simpáticos e receptivos”. A melhor brasileira na Meia Maratona Caixa da Cidade do Rio de Janeiro foi a baiana Sirlene Souza de Pinho, que fechou os 21 km em 1h19min24s, na quinta colocação. “Não vinha de bons resultados nas competições recentes e este resultado aqui no Rio veio para dar uma virada na minha vida. Ser a melhor brasileira é um grande reconhecimento”. A festa do esporte na manhã de domingo ficou completa com os 6 km da Olympikus Family Run, que tiveram Paulo Machado dos Santos (18min45s) e Tereza Madalena (22min56s) como campeões. A Maratona CAIXA da Cidade do Rio de Janeiro 2013 é realizada e organizada pela Spiridon Promoções & Eventos e pela Dream Factory, com patrocínio Máster CAIXAe Governo Federal, patrocínio Olympikus, Gatorade, Piraquê, Light, Secretaria de Esporte e Lazer do Governo do Estado do Rio de Janeiro,

Atendimento Personalizado

Venha treinar com quem entende! Única academia especializada em Corridas. Localizada a menos de 1 km do gasômetro. Rua General Cypriano Ferreira, 489 – Centro www.correndo.com.br Tel.: 3224 0227

Caminhada, Corrida, Triatlo, Condicionamento Físico em Geral e Acompanhamento em provas. Treinos : Terças e quintas na pista de atletismo da www.percorrer.com leo@percorrer.com SOGIPA. Telefones: (51)9849-9612 - (51)32761767

Organização de Corrida de Rua Consultoria Planejamento Cronometragem Número de peito Camisetas Staff

Promoções e Eventos

MECÂNICA Conkar LTDA.

MULT-MARCAS E ESTACIONAMENTO

ESPECIALIZADA EM NOVO CONCEITO DE Injeção Eletrônica Eletricidade Mecânica Geral, Chapeação e Pintura Rua Marcírio Dias, 865 - Menino Deus - POA - 3233.1119/32339851


CORRIDA DE RUA O ESPORTE QUE REÚNE O MAIOR NÚMERO DE PRATICANTES NO BRASIL NO MUNDO.

Tel: 39079987 - 98772394 - 84465082

www.sprintfinal.com.br - anuncie@sprintfinal.com.br

Jsf 57 web  
Advertisement