Page 1

Famílias Técnicas do Shorinji Kempo Texto em inglês de Cailey Barker traduzido e adaptado por Jorge Monteiro

O programa do Shorinji Kempo foi construído por famílias de técnicas. Este foi concebido pelo Kaiso (o fundador) com o intuito de agrupar as técnicas de Shaolin do Norte, que aprendeu na China, por categorias de características similares tornando-as assim mais fáceis de aprender e memorizar. Os nomes das técnicas foram guardados com os caracteres originais, enquanto que os nomes das técnicas foram integralmente renomeadas. Na medida em que o curriculum foi modernizado ao longo do tempo, a categorização original do Kaiso delineada no Kyohan (manual dos instrutores), foi ligeiramente alterada. No programa actual, existem mais de 600 técnicas, compreendendo: 220 de Goho e de Juho, praticadas nas formas hidari/migi (esquerda/direita) e ura/omote (frente/reverso); técnicas de Katame waza (controlar) e Appo (pontos de pressão). Todos os nomes das famílias de técnicas terminam com a palavra “ken”, que significa punho, como em “kempo”.

Goho

Juho

Nio ken

Ryuo ken

Sango Ken

Ryuka ken

Tenno ken

Rakan ken

Byakuren ken

Goka ken

Chio ken

Kongo ken

Kakuritsu ken


Goho TĂŠcnicas Duras


Nio ken Nio Ken Ken dos Dois Reis Devas (1) A família Nio ken é a primeira e o conjunto mais elementar das técnicas de goho. Estas são uma parte essencial do treino para o domínio completo das bases. Elas servem para permitir a um kenshi aprender dois elementos vitais do Shorinji Kempo: Shu Shu Ko Ju (A defesa é o principal, o ataque é secundário) e Kosen Hisho (no combate deve atender ao que antecede e às consequências do que vem a seguir).

As técnicas compreendem um só ataque com a mão a jodan (choku zuki, furi zuki ou shuto uchi – normalmente a partir de gyaku) e uma defesa e contra ataque. Existem duas excepções em que o ataque é a chudan. No total existem 21 técnicas no Kyohan, ou 23 técnicas no programa actual, p.exº ryusui geri, kusshin zuki, soto uke dan zuki.

1. Ryusui geri (mae/ushiro

2. Uchi uke zuki

3. Uwa uke geri

4. Uwa uke zuki

5. Tenshin geri

6. Uchi uke geri

7. Soto uke zuki

8. Soto uke geri

9. Oshi uke zuki (soto)

10. Kusshin zuki

11. Kusshin geri

12. Uchi age zuki

13. Uchi age geri

14. Kaishin zuki

15. Tanto tsuki komi shita uke otoshi geri

16. Tanto furi age ryusui geri

17. Soto uke dan zuki

18. Uchi age dan zuki

19. Shita uke zuki

20. Shita dan zuki

21. Uchi oshi uke geri

22. Soto oshi uke geri

(1) dois monges guardiões colocados nas portas do templo.


Sango Ken “Ken dos Três Encontros”

Sango ken Shita uke geri

(2)

As técnicas compreendidas na família Sango Ken têm um único ataque de mão ou de pé a chudan (choku zuki, gyaku geri ou mawashi geri). Defender compreende uma só defesa seguido por um contra-ataque com o pé a chudan. Elas caracterizam-se por um ataque e defesa a chudan e, integram a maioria dos pontapés. O kamae (posição) varia bastante pelo que é importante prestar-lhe muita atenção. Existem 9 técnicas, p.exº shita uke geri, han tenshin geri.

Shita uke jun geri Yoko tenshin geri Han tenshin geri

Juji uke geri Harai uke geri Gyaku tenshin geri Gedan gaeshi

(2) Um declarado mal agouro encontro astrológico de Júpiter e da Lua num momento auspicioso do ano.

Chudan gaeshi


Tenno ken Tenno ken “Ken do Filho do Céu” A família Tenno ken consiste em técnicas de ataque múltiplos com as mãos e com os pés, começadas com jodan zuki. A defesa inicia-se em ichiji gamae e, depois de uma série de defesas, normalmente existe um contra-ataque com pontapé a chudan. O elemento chave das técnicas é ikkyo ren geki (séries de ataques numa só acção). Estes são realizados virtualmente em simultâneo com kiai e com ênfase no ataque final. Existem 9 técnicas, p.exº tsuki ten ichi, furi ten ni e keri ten san.

Tsuki ten ichi Furi ten ni Keri ten san Tsuki ten san Tsuki ten ni Kon ten ichi Tai ten ichi

Keri ten ichi (sukui nage) Gyaku ten ichi


Byakuren ken “Ken do Lotus Branco” AS técnicas da família Byakuren ken dão destaque ao uso da defesa e contraataque com a mesma mão (no entanto não exclusivamente). Os dois movimentos são realizados rapidamente num movimento fluído. As técnicas tendem a ser graciosas sendo tai sabaki (trabalho de pés) a componente chave , seguido de ren han ko. Existem nove técnicas, p.exº tsubame gaeshi, harai uke dan zuki.

Byakuren ken Tsubame gaeshi Chidori gaeshi kari ashi Harai uke dan zuki Mikazuki gaeshi (kari ashi) Suigetsu gaeshi Hangetsu gaeshi (sukui kubi nage)


Chio ken “Ken do Rei da Terra” A família de técnicas Chio ken, consiste em técnicas com múltiplos ataques com as mão e os pés. Elas são semelhantes às técnicas de Tenno ken, mas habitualmente começam com chudan geri. Existem 6 técnicas, p.exº jun geri chi ichi, fukko chi ni.

Chio ken Jun geri chi ichi

Gyaku geri chi ichi Gyaku geri chi san

Fukko chi ni Harai uke chi ni Jun geri chi san


Kakuritsu ken “Ken do Grou em Pé” As técnicas da família Kakuritsu ken, assentam na defesa e contra-ataque a partir de kakuritsu dachi (posição apoiada numa perna). A defesa envolve habitualmente hiza uke seguido por um contra-ataque geri. A defesa e o contra-ataque têm como base haro kakugeki, o qual é um movimento ondulatório e fluído de pontapear, p.exº kinteki geri hiza uke nami gaeshi, mawashi geri hiza ike nami gaeshi.

Kakuritsu ken Kinteki geri hiza uke nami gaeshi Gyaku geri hiza uke nami gaeshi Mawashi geri sambo uke nami gaeshi Sokuto geri hiki ashi nami gaeshi

Dan geri sambo uke dan geri gaeshi


Juho TĂŠcnicas Suaves


Ryuo ken Ryuo ken “Ken do Deus Dragão” A família Ryuo ken é a primeira e o mais elementar conjunto de técnicas de Juho. Elas permitem ao kenshi desenvolver e compreender o Shu Shu Ko Ju (A Defesa é o Principal, o Ataque é Secundário), onde a primeira prioridade é sempre a de se proteger e defender antes de avançar para a acção seguinte. Elas compreendem inteiramente o nuki waza (técnicas de libertar). Cada técnica inclui uma defesa e um contra-ataque com os elementos essenciai:s tai game, umpo ho, tai sabaki e shuho, os quais criam as defesas básicas para todas as técnicas. É essencial aprender estas técnicas antes de progredir para gyaku, dori e nage waza (técnicas de torcer, bloquear e derrubar). No total existem 27 técnicas no Kyohan ou 32 no corrente programa, p.exº, juji nuki, johaku nuki e morote oshi nuki.

1. Kote nuki

2. Katate yori nuki

3. Ryote yori nuki

4. Maki nuki (katate/ryote)

5. Kiri nuki (uchi/soto)

6. Juji nuki (katate/ryote)

7. Gassho nuki

8. Kiri kaeshi nuki (katate/morote)

9. Sankaku nuki

10. Johaku nuki

11. Oshi kiri nuki

12. Sode nuki

13. Eri nuki

14. Nidan nuki

15. Katate oshi nuki

16. Morote hiki nuki

17. Morote juji nuki

18. Tsuki nuki (uchi/soto)

19. Ryote tsuki nuki

20. Morote tsuki nuki

21. Age nuki

22. Hiji nuki mae tembin

23. Uchi nuki (katate/ryote)

24. Morote oshi nuki

25. Morote wa nuki

26. Morote maki nuki


Ryuka ken Ryuka ken ”Ken da Flor Dragão” A família Ryuka ken é um conjunto chave de gyaku waza e nage waza que perfaz a maioria das técnicas de Juho. As técnicas de Ryuka ken, diz-se terem sido baseadas no Chikara sanbu waza nanabu (são necessárias três partes de força e sete partes de habilidade para fazer uma técnica bem sucedida). Assim, na sua maioria são invariavelmente difíceis de aprender e de atingir um talento subtil. Obter essa subtileza requer muita prática com diferentes parceiros e a aprendizagem com um instrutor experiente. As técnicas estão dividas em 6 subcategorias: estilo Gyaku gote; estilo Okuri gote; Oshi gote; Juji gote; Kiri gote e estilo Konoha. Todas as técnicas que seguem nestas subcategorias são variações da técnica original (onde o atacante se adapta empurrando ou torcendo etc. Existem 56 técnicas no Kyohan ou 59 no programa actual.

1. Gyaku gote

2. Katate okuri gote

3. Okuri maki tembin

4. Juji gote (katate/ryote)

5. Ryaku juji gote

6. Ryote okuri gote

7. Okuri yoko tembin

8. Kiri gote (katate/morote)

9. Oshi gote (katate/ryote)

10. Kote maki gaeshi

11. Maki gote (katate/morote)

12. Morote juji gote

13. Shita uke geri kote nage

14. Gyakute nage

15. Ryu nage

16. Soto maki tembin

17. Idori okuri gote

18. Nuki uchi oshi gote

19. Morote okuri gote bakuho

20. Okuri hiji zeme

21. Tsuri otoshi

22. Okuri dori

23. Kiri kaeshi tembin

24. Kiri kaeshi maki tembin

25. Morote gyaku gote

26. Idori gyaku gote

27. Idori oshi gote

28. Kiri kaeshi gote

29. Kiri kaeshi nage

30. Morote kiri kaeshi nage

31. Konoha okuri

32. Konoha gaeshi

33. Okuri yubi gaeshi

34. Maki juji gote

35. Nigiri gaeshi

36. Okuri shishi dori

37. Furisute omote nage

38. Morote okuri gote nage

39. Okuri tsuki taoshi

40. Koshi kujiki


Rakan Ken “O Ken dos Discípulos de Buda” (3) A família de técnicas Rakan ken também perfazem uma grande parte das técnicas avançadas de Juho, compreendidas na sua maioria por dori waza e taoshi (derrubar). As técnicas são uma combinação do estilo Shaolin do Norte e Rakan Shu (um antigo estilo japonês), Hashiki (estilos de agarrar) e técnicas de combate da Mongólia, etc. Num nível mais elevado as técnicas são frequentemente defesas contra pegas e projecções de judo. Tal como em Ryuka ken, é necessária uma subtileza específica que deve ser conseguida para dominar as técnicas. Existe um total de 47 técnicas no Kyohan, ou 48 no programa actual, p.exº, johaku dori, maki otoshi, sode maki gaeshi. Isto não inclui as técnicas de Rakan Appo (pontos de pressão) das quais existem 35 no programa de 6º Dan.

(3) Uma abreviação de Arakan, que significa “merecendo adoração”. Um termo aplicado à fase final e maior conquista no caminho para a iluminação budista.

Rakan Ken 1. Johaku dori

2. Sode dori

3. Sode maki

4. Sode maki tembin

5. Ude maki

6. Kata muna otoshi

7. Eri juji

8. Maki otoshi

9. Soto maki otoshi

10. Hiki muna otoshi

11. Ryo muna otoshi

12. Hiki muna otoshi

13. Sode maki gaeshi

14. Sode guchi dori

15. Sode guchi maki


Goka ken “Ken das Cinco Flores” A família Goka ken compreende técnicas avançadas para cinto negro de nage waza e técnicas de Go Ju Ittai (O Duro e o Suave São um Só). O princípio por trás dessa filosofia é que é difícil confiar em exclusivamente nas técnicas de Goho ou de Juho e que a combinação das duas oferece melhores hipóteses de sucesso na defesa pessoal. As técnicas estão divididas em cinco subcategorias: estilo Uwa uke nage; estilo Katate nage; Kannuki nage; Bokkutsu nage e estilo Tembin. Como em Ryuka ken, as técnicas que se seguem nestas subcategorias são variantes da técnica original. Existem no total 26 técnicas

Goka ken 1. Uwa uke nage

2. Uwa uke gyakute nage

3. Gyaku tembin

4. Katate nage

5. Gyaku katate nage

6. Gassho katate nage

7. Okuri katate nage

8. Ryote katate nage

9. Morote katate nage

10. Hiki tembin

11. Gyaku hiki tembin

12. Gassho hiki tembin


Kongo ken “Ken da Dureza do Diamante” (4) A família Kongo ken compreende apenas técnicas de Katame waza e Ho gi (trancar e agarrar). Elas são uma revisão de várias técnicas de Kongo kengo no sei originárias do Shaolin do norte Ha shiki e Da ho (agarrar e controlar). São no total 27 técnicas do Kyohan, ou 7 técnicas e 20 controlos, no programa actual.

Kongo Ken Ude juji gatame Tate gassho gatame Mae yubi gatame

Okuri yubi dori Juji gatame Ura gatame (4) Kongo significa solidez ao algo que não pode ser quebrado, e refere-se à filosofia de construir uma postura sólida, onde cada é capaz de esmagar as suas preocupações decorrentes do desejo.

Kannuki gatame

Famílias de Técnicas do Shorinji Kempo  

Tradução e adaptação para português do texto de CaileyBarker; "Shorinji Kempo Technique Families"

Advertisement