Page 1

www.eshoje.com.br

Vitória, 13 de janeiro de 2017 J Ano XVI J Nº 627J Edição Gratuita Semanal

DIVULGAÇÃO

Sem coroa, mas ainda reinandoj4

DIVULGAÇÃO

ABRE ALAS

BRUNO BARROS

Fundado em 19 de julho de 2000 por Carlos Roberto Coutinho

SAÚDE

Atum é a cara do verãojESHOJE2

ESHOJE2

Irmãos estreiam no Estadoj3

Dinheiro guardado, mas obra que é bom, nada... Mesmo com toda economia e verba liberada pelo Governo Federal, governos capixabas mantém obras paralisadas ou atrasadas, prejudicando a populaçãoj3 DIVULGAÇÃO

PARECE GUERRA, MAS É DIVERSÃO

j7

Nova modalidade esportiva chega ao Espírito Santo, convidando o participante a trabalhar em equipe e superar os próprios limites entre obstáculos como trincheiras e muros DAYANA SOUZA

DIVULGAÇÃO

Termo para reduzir a superlotação

O sistema prisional é de exclusão

Capixabas festejam imigração

Cumprimento de lei ajudaria politica prisional capixabaj5

Bandido preso é de classe baixa e sem “padrinho”j6

28ª Sommerfest será em Domingos MartinsjESHOJE2


2

Opinião

SEXTA-FEirA, 13 dE jAnEiro dE 2017 j www.EShojE.com.br

fOTO DA SEmAnA

ESPAÇO DO LEITOR leitor de eshoje

No bairro Santa Helena (e por todo lado) aumentam o número de usuários de drogas dia e noite

Assistir o discurso do ainda presidente dos Estados Unidos, barack obama, com sua simplicidade cativante, trouxe um impacto instigante. A sua performance na gestão presidencial foi marcada por momentos do comportamento de um estadista desprovido de empáfia ou até mesmo de atitudes de prepotência com seus opositores. restando, agora, a comunidade planetária estar preparada para um substituto que comete gafes, provocações e incertezas em todas as suas declarações e atitudes. repaginar conceitos filosóficos e conciliadores talvez seja um jeito de amenizar o choque político e cultural de uma gestão cheia de duvidas e incertezas, na mídia e formadores de opinião. os que não assistiram a despedida deste líder incontestável perderam uma grande oportunidade de saber por que obama vai deixar saudades e só esperar para ver o que nos espera como cidadãos planetários. Suzana Villaça

EDITORIAL Não é função de um veículo de comunicação ser o "balde de água fria", mas mostrar a realidade e não permitir que uma "maquilagem" seja noticiada. Mas a verdade apresentada, tal qual é. Mesmo que ruim, apesar das possibilidades de que o quadro seja revertido. Se uma praça está suja, informemos e cobremos a limpeza. Desculpem-nos se aqui existe um "estraga prazeres", mas a segurança pública do estado do Espírito Santo não é modelo para ninguém. Há muitos anos não o é. O que destacou o estado capixaba, na última semana, diante do resto do país, não é que temos uma maravilhosa política de ressocialização e que os presos no Estado se recuperam a ponto de voltarem à sociedade renovados, como cidadãos de bem. Mentira! O que colocou o Espírito Santo em rede nacional é que, dos estados com maiores populações carcerárias, superlotando as unidades prisionais, estamos na última colocação. Isto é, temos presídios com quantidade de internos muito além de nossa capacidade. Porém, há estados que estão piores. Somos ruins. Estamos péssimos. Mas há quem esteja pior ainda. Isso não é razão de comemorar, pois as condições dos presos do estado não são boas. Eles dividem celas com tuberculosos e outros doentes, com pestes contagiosas. Os servidores que cuidam das unidades, não protegem a sociedade. Nem aos presos. Mas se protegem e estão ali para ganhar os deles. Quando um preso entra na unidade, ele não se depara com uma oportunidade de repensar

na vida e em como voltará para sua casa. Mas, ao contrário, aprende a dormir em pé, fazer suas necessidades com plateia. São poucas as detenções que oferecem oportunidade de retorno aos estudos, de trabalho, de contato com pessoas para darem suporte físico e emocional. Sim, é caro. E o preto está preso porque fez por onde. Mas a sociedade vai pagar ainda mais caro por isso. Vidas podem ser a moeda para essa dívida. A insegurança começa nas polícias - e não entremos na corrupção policial -, pois quem faz a segurança não trabalha em condições disso. Falta estrutura, desde pneus carecas nas viaturas, até falta de equipamentos de segurança, como coletes e algemas, e laboratórios de qualidade para investigação científica. As prisões estão lotadas, os policiais trabalham no limite, a política social praticamente não existe. Afinal, segurança de verdade é evitar que pessoas vivam marginalizadas. E que, por isso, "precisem" recorrer a ações criminosas. Roubar é crime. Mesmo que seja cometido por um desempregado desesperado e tenha feito isso em um supermercado para alimentar a família. Boa semana! Boa leitura!

tiragem: 5.000 exemplares circulação: Grande Vitória e digital periodicidade: Semanal

diretor geral carlos roberto coutinho carlos@eshoje.com.br

rua Paschoal delmaestro, 260 Ed. Vila da Praia, Sl. 5 e 6 - jardim camburi - Vitória - Espírito Santo cep. 29.090-460 Tel. 27 3395-1800/Fax. 3395-1801 www.eshoje.jor.br redacao@eshoje.com.br

diretora administrativa bianca coutinho bianca@eshoje.com.br

Essas cPi são coisas para “inglês ver”. o Governo do Espírito Santo não toma providências. Aliás, nunca tomará, pois abre as pernas para todo e qualquer projeto que degrade o meio ambiente, como é manabi, em Linhares. Maria de Fátima Sodré

Presídios

Enquanto não houver ordem e disciplina exemplar nos moldes americanos as nossas penitenciárias vão continuar do mesmo jeito, ou seja, uma bagunça comandada pelos próprios presos. Preso tem que ser "penalizado" de acordo com seu crime, essa história de "readaptação social" é lorota, quem tem índole criminosa quer viver do crime. no brasil as Leis sempre são criadas para beneficiar os criminosos, enquanto as vítimas... Carlos Carvalho

ICMS da telefonia

Rafaela Gomes Amorim

As empresas de telefonia, fixa e móvel, vão começar a recolher icmS. mais um roubo do governo, que assalta o povo com mais esse imposto. Eu pagava um plano de r$29,90 e agora pago r$34,29. o governo vai entregar de mão beijada o patrimônio das telefonias nas mãos de empresários fraudulentos que não pagam suas dividas com o Estado, e agora somos nós que vamos pagar a conta...brasil Podre!

Pó preto (2)

Dalcy Hespanhol

Pó preto (1)

Segurança imaginária

A opinião dos colunistas não reflete o posicionamento do veículo

Despedida de Obama

o pó preto está deixando a população cada dia mais irritada. Está demais gente... quase todo dia tenho tirado muito pó preto da minha casa. Parece que quadruplicou a quantidade de pó preto recentemente. Só que o Governo Estadual é omisso e não faz nada.

Será que a população vai viver sempre entre o interesse econômico, o bolso e contas bancárias dos governantes e a qualidade de vida? Primeiro a Samarco, que mesmo tendo provocado o maior desastre ambiental da história do brasil, continua sem pagar por isso, empurrando na justiça o cumprimento de suas responsabilidades, mas a paralisação de suas atividades deixa o brasil, sobretudo Espírito Santo e minas Gerais com dificuldades. E nosso estado capixaba a cidade de Anchieta sobre, economicamente por isso. mas o meio ambiente agradece. A Vale, dona da Samarco, é uma poluidora de mão cheia, mas banca campanhas políticas e ninguém mexe com ela. resultado, a Grande Vitória respira pó de minério e ninguém faz nada.

Consórcio X Problemas X Soluções

não entendo porque ainda relutam em fazerem consórcios e se unirem para solucionar os problemões de mobilidade urbana, saúde e segurança na Grande Vitória. décadas se arrastam e não tomam decisões. Todos sabem que o aquaviário é uma das soluções mais concretas e objetiva, custo-benefício excelente. Aquaviários, Transcol, lixões, saúde, segurança, etc... Se trabalharem em conjunto e em ritmo de consórcios com certeza as prefeituras andarão com as coisas mais rápido e as solucionáticas aparecerão. Acordem prefeitos Luciano, Audifax, juninho, max, Gilson. Parem de apenas reuniões e lenga-lengas. Julio Frauches

twitter: @eshoje / facebook: eshoje / instagram: /jornaleshoje/

projeto gráfico renon Pena de Sá e Patrícia Araújo www.renondesign.com fotografias Arquivo redacao@eshoje.com.br

diagramação diretora de redação/editora danieleh coutinho - mTb/ES 2694-jP jeferson Louis - mTb/ES 3605/ES danihcoutinho@eshoje.com.br

redação dóris Fernandes Gustavo Gouvêa hanna carolina Larissa barcelos Thaís rossi


3

Economia

SEXTA-FEirA, 13 dE jAnEiro dE 2017 j www.EShojE.com.br

Dinheiro tem, só faltam as obras Pela Grande Vitória, várias obras financiadas com recursos da União estão atrasadas e paralisadas Gustavo Gouvêa gustavo@eshoje.com.br

A

desculpa pelas centenas de obras atrasadas ou paralisadas nos cinco principais municípios da Grande Vitória (de acordo com o portal Geo Obras, do Tribunal de Contas do Espírito Santo, são mais de 200 obras nesta situação) é sempre a falta de dinheiro. Em épocas de crise, como questionar? Mas quando o dinheiro é proveniente do Governo Federal e já está reservado e liberado em caixa - aí não tem desculpa. Em relação ao Governo do Espírito Santo, a obra que chama mais atenção é a do Cais das Artes, devido à sua magnitude e também aos seus quase sete anos de execução. A obra foi iniciada na segunda gestão do atual governador, Paulo Hartung (PMDB), no ano de 2010, orçada inicialmente em R$ 115 milhões, e conseguiu R$ 92,2 milhões em recursos do Banco Nacional de Desenvolvimento (BNDES). Entretanto, o empreendimento foi paralisado por três vezes, já custou mais de R$ 126 milhões e o orçamento atual bate os R$ 220 milhões. Além disso, o Instituto de Obras Públicas do Espírito Santo (Iopes), responsável por administrar construções estaduais, ainda contratará por mais de R$ 4 milhões uma empresa

dayana souza

privada para gerenciar o Cais das Artes, missão que, por natureza, é a sua, elevando ainda mais o valor. O empreendimento continua parado desde 2015, mas o Iopes garantiu que as obras serão retomadas este ano e que o Cais das Artes será entregue em 2018. Outra obra do Governo que vem se arrastando é a macrodrenagem do Córrego Jardim de Alah, em Cariacica, de execução da Secretaria de Estado de Saneamento, Habitação e Desenvolvimento Urbano (Sedurb). A obra, com orçamento de R$ 15 milhões, é feita totalmente com repasses do Governo Federal e teve início em novembro de 2014, com prazo de realização de um ano. Porém, após paralisação, foi retomada em maio do ano passado e voltou a parar. MacrodrenaGeM As obras de macrodrenagem do Canal do Congo, em Vila Velha, já se estendem por mais de quatro anos e contam com recursos totais de convênio com a União. De acordo com a transparência do Governo Federal, já foram repassados R$ 9,7 milhões para a execução, sendo o último repasse realizado em dezembro. O portal Geo Obras, do TCES, informa que já foram mais de R$ 3 milhões aditados. A Prefeitura de Vila Velha infor-

o Bndes liberou r$ 92,2 milhões para a execução do cais das artes, mas a obra está parada desde 2015 mou que já concluiu 70% dos trabalhos. "O pacote de obras visa drenar e tratar 14 km de canais que cortam a Região 5, além de levar mais infraestrutura para os bairros com obras de drenagem e pavimentação. Atualmente, a Rua Oiti, em 23 de Maio, recebe a construção de nova galeria, com 400 metros já executados. Dentre os serviços já concluídos estão a

Parque tecnológico é lenda? o portal da Transparência do Governo Federal mostra que todos os R$ 8.504.929,98 celebrados em convênio para a implantação do Centro de Inovação do Parque Tecnológico Metropolitano de Vitória, a ser construído em Goiabeiras, já foram recebidos, sendo a última parcela repassada em julho de 2015. Porém, até o momento, nenhum sinal das obras, cujo projeto arquitetônico já existe desde 2012.

“Desde o governo João Coser ouvimos falar que teremos um parque tecnológico aqui, mas até agora, nada. Virou lenda”, brinca a moradora do bairro, Marinalda Athayde. A Companhia de Desenvolvimento de Vitória informou que um novo edital para o Parque será publicado até o fim deste mês. Além desta obra, há a construção de 16 unidades habitacionais no bairro Inhanguetá com recur-

sos federais, cuja obra teve início em 2011, com prazo inicial de 150 dias para a conclusão. Mas em dezembro de 2013 as obras pararam por rescisão contratual. A empreitada foi reiniciada em julho de 2016 e a Prefeitura de Vitória promete a entrega ainda no primeiro semestre de 2017. "As obras estão em fase de conclusão, sendo realizados ajustes finais exigidos pela fiscalização da obra”, informou a PMV em nota.

execução da ponte 23 de Maio, revestimentos de canais, construção de galerias, drenagem e pavimentação das ruas Antonio Elias, em Terra Vermelha e Pedro Álvares Cabral, em Barramares. O contrato termina em dezembro deste ano, podendo ser renovado de acordo com os repasses federais", informou por meio de nota. Ainda no município canela ver-

Hospital demorado

de, as obras de macrodrenagem do Canal da Costa já receberam o valor total do convênio celebrado com a União (R$ 10,7 milhões), desde setembro de 2016, mas se estendem há mais de três anos. De acordo com a Prefeitura, o canal tem 73% de obras concluídas, incluindo a execução de drenagem nas sub-bacias de Cocal, Jaburuna e Bigossi.

na serra, a obra que chama a atenção é o hospital materno infantil, que conta com r$ 45 milhões em convênios com o Governo Federal, dos r$ 60 milhões totais da obra. A transparência da União mostra que r$ 25 milhões já foram liberados desde outubro de 2012. Porém as obras iniciaram somente em abril de 2014, foram paralisadas um mês depois, e reiniciadas em maio de 2015. Entregar o hospital pronto foi a grande promessa do prefeito reeleito, Audifax barcelos (rede). o Ginásio Poliesportivo de itacibá, cariacica, iniciado em dezembro de 2014 e com prazo inicial de conclusão para 270 dias, está com as obras paralisadas, mas já recebeu parte dos mais de r$ 4 milhões da União. "A previsão é que seja reiniciada ainda em janeiro", informou a prefeitura de cariacica. o novo prazo será de 300 dias.


4

SEXTA-FEIRA, 13 DE JANEIRO DE 2017 j WWW.ESHOJE.COM.BR

Novo Império: samba que cura A agremiação de Caratoíra vai cantar no Sambão do Povo os poderes das plantas medicinais LARISSA BARCELOS redacao@eshoje.com.br

P

  com chave de ouro o desfiles das escolas de samba do grupo especial capixaba, na noite do dia 18 de fevereiro, a escola de Caratoíra, Novo Império, levará um espetáculo de magia para o sambódromo. Com o enredo “A cura para o mundo está aqui! Vitória, um manto cheio de esperança”, quer mostrar um pouco dos ‘poderes’ das plantas medicinais. “Vamos mostrar a cura por meio das plantas. Mostrar esse mundo que envolve um pouco de magia”, afirmou o presidente da agremiação, Alessandro Souza Santos. O samba enredo foi composto por oito pessoas –Tuninho Azevedo, Neyzinho do Cavaco, Almeida Junior, Almir Cruz, Gigi da Estiva, Mario Girão, Zula e Tadeuzinho. A branco, azul e rosa está apostando em aumentar o número de componentes para o desfile de 2017, com mais de 1,5 mil foliões – duzentos a mais que no carnaval passado. “A nossa escola é a mais velha e a gente vem agregando a comunidade nos desfiles. O nosso trabalho é totalmente voltado para a comunidade”, disse o presidente. Serão 21 alas, quatro carros alegóricos e dois tripés para embelezar o Sambão do Povo.

BRUNO BARROS/ESHOJE

Os ensaios estão acontecendo regularmente aos domingos, ás 18h30, na quadra da escola, que fica na Av. Santo Antonio, próxima à Praça de Caratoíra. “Os nossos ensaios estão ótimos. Só temos a agradecer a Deus pela quantidade de pessoas que estão participando. Está muito movimentado”, pontua. TÍTULO Com Alessandro presidindo a Novo Império ainda não conquistou o título. Mas, segundo ele, algumas mudanças têm sido realizadas com o objetivo de chegar lá. A meta é, após mais de 25 anos sem vencer, voltar ao todo do pódio – a escola tem seis troféus de campeã do carnaval capixaba. No ano passado ela foi a melhor do grupo de acesso e em 2017 retorna à elite do samba. “Nosso objetivo é ser referência do carnaval capixaba daqui um tempo e conquistar o titulo”, afirma. A estrutura da família imperiana passou por poucas alterações, mudando apenas o intérprete, que era Danilo Cezar e entra Celso Júnior. Como rainha de bateria está Rayane Rosa pela segunda vez consecutiva tendo ao seu lado a madrinha, Marcia Santos. Mestre Glê permanece como diretor de bateria, assim como Sandro Souza e Amanda Ribeiro, mestre-sala e porta-bandeira.

Abre alas Eterna rainha

No desfile de 2016 a Novo Império ficou na primeira colocação do grupo de acesso e volta à elite do carnaval

O circo vai invadir o Sambão ,  e mágicos, darão um show circense na primeira noite do carnaval capixaba. Com o enredo “Gran Circo Imperatriz anuncia: Venha se divertir no picadeiro da emoção”, a Imperatriz do Forte será a penúltima a entrar na avenida dia 17 de fevereiro, quando as escolas do grupo de acesso se apresentarão. Ela promete levar a magia do circo para o Sambão do Povo. De acordo com o diretor-geral de harmonia Silvio Nascimento

Ferreira, o Jacaré, o enredo quer mostrar que a magia do circo ainda existe. “Queremos levar o teatro do circo para a avenida. Mostrar como é ele atualmente”. A autoria é do diretor de bateria da escola, Eduardo Rocha. Cerca de 1200 pessoas desfilarão pela verde e rosa. Segundo Jacaré esse número diminuiu, em comparação aos anos anteriores, devido à crise. Serão 18 alas, três carros alegóricos e um tripé para movimentar a avenida. O diretor garante que haverá um espetácu-

Lucas Rezende abrealas@eshoje.com.br REPRODUÇÃO

Dá pra ver, vai ferver! Atendendo ao chamado de Mayka Schneider e Cícero Ribeiro, Ivete Sangalo canta em Guarapari neste sábado, em seu já ortodoxo show de verão no balneário. Ela deve reservar uns minutos da apresentação para cantar o samba-enredo “Hoje é dia de Ivete”, que a Acadêmicos da Grande Rio vai entoar na Sapucaí este ano, quando a homenageará. Aliás, dia desses, num restaurante na Barra da Tijuca (RJ), ela foi perguntada sobre como será sua fantasia. Bem-humorada como sempre, brincou: “Venho seminua!”.

Num meio conhecido por barracos, briga de egos e muito dinheiro em jogo, chamou atenção no mundo do samba o gesto nobre de Patrícia Telles em comparecer à coroação de Juliany Wingler Thomaz como nova rainha da Andaraí. Patrícia, aliás, fez questão de ela mesma passar a coroa para a filha de Gizeli Simon. ABRE-ALAS descobriu que a saída de Patrícia, que sempre teve um bom relacionamento com a venenosa de Santa Martha, partiu da própria. É que, ano passado, um problema de saúde na família virou sua vida de pernas para o ar. Telles vai deixar o Espírito Santo por um tempo para acompanhar o tratamento do esposo, em São Paulo. Mas ela está otimista que em breve voltará: com a saúde do marido no mesmo ritmo do carnaval! E ela, de volta reinando na Andaraí, sua escola do coração. Patrícia, como se pode ver, é uma rainha no sentido mais semântico possível. A coluna deseja muita saúde à toda família.

lo no Sambão, unindo o tema às cores da escola do Forte. Em 2017 Wander Show deixa o posto de intérprete da escola, após três anos, e será substituído por Ricardinho de Oliveira. A porta-bandeira e o mestre-sala, que eram Marcos Paulo e Maria Clara, do Rio de Janeiro, também saíram e o brasão da Imperatriz será levado por Milena Mendonça e Daniel Fraga. “Esperamos levar uma ótima festa para o nosso público e encantá-los”, finaliza Jacaré.

Síndrome de Ícaro

Novidades na Chegou o Que Faltava: a madrinha de bateria Daise Wasen e a musa trans Giselle Marques

Gente com bom trânsito na savana do Leão da Glória garante: a MUG vai continuar apostando na verticalização dos carros, com o gigantismo que é padrão da escola. Depois de anos um pouco modestos, os carros altos vão voltar para a avenida. Mas, como ninguém é besta, todos terão de 8 a 9 metros de altura, dentro do que é permitido pelo regulamento. A escola já passou alguns sufocos logo no início da avenida quando ousou tentar ultrapassar essa marca. Petterson Alves que o diga.


5

SEXTA-FEirA, 13 dE jAnEiro dE 2017 j www.EShojE.com.br divulgação

aspecto geral hino salvador L hinosal@terra.com.br

Aquaviário no ES e no Brasil o major rogério lima defende que a PM possa lavrar o termo circunstanciado em ocorrências mais brandas

Termo para reduzir lotação nas prisões

Termo circunstanciado de ocorrência é ferramenta antiga, mas ainda não é utilizada pela Polícia militar do Espírito Santo Gustavo Gouvêa gustavo@eshoje.com.br

A

pós um começo de ano marcado pelos massacres no Complexo Penitenciário Anísio Jobim, no Amazonas, e na Penitenciária Agrícola de Monte Cristo, em Roraima, que culminaram no assassinato de 89 presidiários, a discussão sobre a superlotação das cadeias em todo o Brasil voltou à tona. No Espírito Santo, 19.500 pessoas estão presas nas 35 unidades prisionais existentes. Apesar de o Estado ter sido destaque nacional sendo considerado em melhor condição prisional, comparado aos demais estados brasileiros, não há como dizer que a situação é boa. Tendo ficado três anos sem registrar motim, as penitenciárias capixabas comportam somente 13.800 vagas, o que significa uma superlotação de 41,1%. A correta aplicação da Lei 9.099 de 1995 - em vigor há 22 anos, portanto - reduziria bastante este número. Com a legislação, den-

tre outras atribuições, a autoridade policial pode lavrar o Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO) em casos de infrações de menor potencial ofensivo. De acordo com o major Rogério Fernandes Lima, especialista em Segurança Pública e presidente da Associação dos Policiais Militares do Espírito Santo, a correta aplicação da lei poderia dar mais celeridade ao processo dessas infrações e evitar que os presídios fiquem mais abarrotados. "Quando a PM confecciona o TCO para esses crimes menores, isso proporciona que a ocorrência se encerre no local, evitando assim deslocamentos desnecessários. Além disso, a lei diz que as pessoas que cometeram essas infrações de menor potencial ofensivo (como ameaça, lesão corporal leve, vias de fato...), não precisam ser presas e nem ir para a delegacia, desde que assinem o termo, assumindo o compromisso de comparecer à audiência. O policial militar lavra a ocorrência, o individuo assina e é liberado. Isso evita pri-

são e contato com criminosos mais perigosos, que podem aliciá-los", explicou o Major Rogério. Projeto Ele afirmou que o Batalhão de Policia Ambiental já confecciona o TCO para os crimes ambientais "com muito sucesso e aceitação da Justiça e do Ministério Público" e que utilizou o mesmo instrumento nas eleições de 2010, para crimes eleitorais, também com sucesso. "Queremos fazer o projeto piloto na Polícia Militar e temos dois sistemas para isso. No primeiro, que é o mesmo que funciona em Santa Catarina, a Justiça disponibiliza de antemão a agenda de audiências. O policial liga para o Ciodes (Centro Integrado Operacional de Defesa Social), verifica a data e o cidadão já sai dali com dia e hora marcados para audiência. No outro, não tem disponibilização de agenda. O policial lavra o termo, a pessoa assina, é feita a ocorrência, e depois a Justiça entre em contato, por meio de carta, intimando para a audiência", disse o Major.

Mais segurança e economia a correta aplicação do TCO para crimes de menor potencial ofensivo não traz benefícios somente para o sistema carcerário, diminuindo a superlotação dos presídios. Um dos grandes ganhos é a paz social e a economia. "Hoje, se pego duas pessoas envolvidas em infração em Terra Vermelha, onde não tem delegacia, tenho que pegar os dois e

conduzi-los até o bairro Jaburuna. Como só tem uma viatura, a comunidade de Terra Vermelha fica desassistida nesse tempo. Nisso eu perco tempo, deixo a comunidade desassistida, perco a efetividade do serviço no local, gasto gasolina", disse o major Rogério Fernandes Lima. Para ele, se os mecanismos de scarcerização não se intensifica-

rem, a crise carcerária pode voltar ao Estado. "Lá atrás tivemos crises muito graves, semelhante às do Amazonas e Roraima e até pela cobrança da mídia e da população o sistema foi melhorando. Se as ações policiais prenderem mais pessoas sem precisar e o sistema ficar mais abarrotado, uma rebelião pode estourar a qualquer momento".

O transporte marítimo se caracteriza como um dos meios mais importantes para a Logística do Brasil. Apesar disto, o País não explora toda a sua capacidade neste setor. No Espírito Santo, infelizmente, esse tipo de transporte foi extinto em 1994 e o Estado só fala em contratar um novo projeto para a reativação do Sistema Aquaviário. Mas até o momento, nada foi oficializado. A infraestrutura em xaba. Isso seria, dentre nível nacional é defi- outras formas, recomciente nessa área, mas pensado pelo número de ainda assim transporta empregos criados, nas uma grande quantidade mais diferentes áreas rede produtos por esse ferentes a esse tipo de meio de mobilidade. Es- sistema. ta quantidade seria Esse transporte no Esmuito maior se fosse in- tado pode ser consideravestido mais no setor. do um importante fator No estado capixaba, por estratégico, uma vez que falta de investimentos possibilita uma maior em terra, para suprir integração na mobilidaessa demanda no trans- de urbana. O custo de porte coletivo, o poten- embarque não é muito cial transporte aquaviá- caro porque não precisa rio é extremamente su- de terraplenagem, asfalbutilizado. Ou seja, não tamento e a água existe existe nada em favor da em abundância. O que mobilidade urbana. há é muita burocracia. O que emperra este Para resolver este impasse, é necessáprojeto, na ria a aplicação verdade, são É preciso de maiores as grandes empresas que investimenum grande integram o investimento tos, com mais goverSistema do para expandir ações namentais. Tr a n s c ol n a o transporte Porém, o Grande Vitória, que não aquático no projeto de inaceitam a in- Espírito Santo tegração do sistema com o tegração do Sistema transporte Aquaviário com o trans- coletivo por ônibus na porte coletivo por ôni- região da Grande Vitóbus e isso tem causado o ria, apesar de ser usado e n g av e t a m e n t o d o s para o transporte de projetos. Nossos políti- massa, ainda é apenas cos dependem dos em- um sonho. presários, que ditam as Espero que este inteordens. resse dos novos prefeitos Um Estado com uma dos municípios da região rede hidroviária enor- da Grande Vitória seja me, principalmente na levado adiante e em breregião da Grande Vitó- ve a gente esteja andanria, e 411 quilômetros de do de lanchas, como nos litoral, conta com ape- bons tempos, entre 1977 nas quatro portos de ca- e 1994. Se o sistema do pacidade e nenhuma hi- aquaviário for reaberto, drovia. Há necessidade mais uma vez, imaginem de um grande investi- quantos carros vão ficar mento para atualizar e guardados nas garagens, expandir o transporte beneficiando o transaquático no litoral capi- porte urbano.


6

SEXTA-FEIRA, 13 DE JANEIRO DE 2017 j WWW.ESHOJE.COM.BR

HUGO BORGES POR CÉSAR HERKENHOFF L cesarherkenhoff@hotmail.com

Bandido bom é bandido morto

A crise no sistema penitenciário brasileiro, que não é recente, é o grande tema do momento. Há duas décadas, aproximadamente, o sociólogo Darcy Ribeiro vaticinava: “Se não investirmos em educação, hoje, daqui a 20 anos não haverá dinheiro para a construção de presídios”. Bingo! A indignação da sociedade brasileira gera reações compreensíveis, mas estapafúrdias. Sempre foi muito mais difícil – até sob o ponto de vista da argumentação – defender os direitos humanos do que a Lei de Talião – olho por olho, dente por dente. Então, criou-se a retórica do “bandido bom é bandido morto”. Não concordo com a tese, até porque ela me parece pouco fundamentada. Afinal, bandido bom é bandido morto, mas a regra não se aplica ao playboy que revende drogas na faculdade. Bandido bom é bandido morto, mas a regra não se aplica aos empresários que se utilizam do trabalho escravo. Bandido bom é bandido morto, mas a regra não se aplica aos que sonegam bilhões de reais em impostos. Bandido bom é bandido mor-

to, mas a regra não se aplica ao filhinho de papai que, bêbado, atropela e mata inocentes. Bandido bom é bandido morto, mas a regra não se aplica aos que levaram o país à falência, transferindo o patrimônio público para amigos e familiares. Bandido bom é bandido morto, desde que a regra seja aplicada apenas aos negros, pobres, favelados e prostitutas, porque esses ameaçam a paz social. O Brasil é hoje o quarto país em população carcerária, atrás apenas dos Estados Unidos, Rússia e China, mas as projeções indicam que assumiremos a liderança do ranking mundial em 2030. São mais de 600 mil presidiários – o PT deu significativa contribuição, é verdade -, três vezes mais do que os pouco mais de 200 mil dos anos 80, e 30 vezes mais do que os cerca de 25 mil encarcerados

de 50 anos atrás. Não há o que comemorar porque não se trata do resultado da eficiência do sistema penal, mas da falência do modelo brasileiro. Por conta disso, temos que engolir o já ex-secretário nacional de Juventude, Bruno Júlio, afirmar, em relação à execução de uma centena de detentos no norte do País, que “tinham que ter matado mais presos e tinha que ter uma chacina por semana”, enfim, um ignóbil que tentou, com um apelo populista, engrossar a fileira dos que defendem a pena de morte como solução de todos os problemas nacionais. Quem vai dar o tiro de fuzil na cabeça de Lula da Silva, Dilma Rousseff, Eduardo Cunha, Renan Calheiros, Antônio Palocci. Michel Temer, Sérgio Cabral, Anthony Garotinho e outros renomados bandidos brasileiros?

Já que o Espírito Santo anda na moda, seria muito bom o Palácio do Planalto conhecer a política de ressocialização de presos do Estado. Inquestionavelmente a melhor e a mais bem sucedida do País, com a menor taxa de superlotação - 16.194 presos e 13.572 vagas - e há dois anos sem o registro de morte de preso em estabelecimentos prisionais. Como não há, no Brasil, nem a pena de prisão perpétua nem a de morte, os presos retornaram às ruas, mais brutalizados e mais violentos do que quando ingressaram no sistema prisional. Há quem prefira manifestar indignação pelo fato de as famílias dos detentos sob custódia do Estado serem indenizadas, e as famílias das vítimas desses mesmos presidiários não terem recebido indenização. Houve até quem preferisse

tratar a questão com humor refinado, propondo uma reflexão sobre se seria mais legítimo torcer para os bandidos que mataram ou para os bandidos que morreram. Prefiro me posicionar ao lado do Estado do Espírito Santo que, através de ações do poder público e da sociedade civil organizada, apostou na ressocialização. E o resultado está aí pra quem quiser conferir. A política penitenciária brasileira permite retomar uma anedota antiga, ocorrida numa reunião ministerial: - Presidente, o senhor não acha que o orçamento está distorcido, destinando mais verbas ao sistema penitenciário do que à escolas? - Não, meu caro ministro. Pela escola, todos, menos Lula, já passamos. Pela penitenciária, todos, inclusive Lula, iremos passar.

COLUNA FEU ROSA

ARTIGO

Ora, as vítimas

Que “padrinho” é esse?

Li que entrou em vigor, lá na Irlanda, uma nova legislação destinada a amparar as vítimas de crimes. Para começar, elas serão comunicadas acerca do andamento das investigações e procedimentos judiciais. Serão imediatamente avisadas nos casos de sentença, prisão e soltura do acusado. Caso, intérpretes e tradutores, a fim de que as vítimas tenham perfeita compreensão.

Na década de 60 o interior capixaba vivia profunda recessão socioeconômica, agravada pela erradicação dos cafezais e, em especial, falta de perspectivas para os jovens. Nesse contexto, o jesuíta italiano Humberto Pietrogrande, vislumbrando a saída pela educação, arregimentou lideranças de produtores e, em paralelo, com o apoio do Governo Italiano criou associação para financiar o Movimento de Educação Promocional do ES/MEPES, entidade criada em abril de 1968, em Anchieta.

Caso as autoridades entendam por não abrir processo, ou concluam pelo arquivamento de uma investigação, as vítimas serão informadas sobre os motivos, e terão direito a requerer um reexame desta decisão. Na hipótese de estarem sujeitas a intimidações ou retaliações, as vítimas e suas famílias poderão requerer assistência e proteção estatal. Nas audiências judiciais, as vítimas poderão produzir provas, inclusive através de filmagens de testemunhos ou elementos outros. Admite-se até a utilização da Internet para a apresentação de depoimentos, que poderão ser produzidos por intermediários, caso a testemunha tenha receio de se manifestar. Se decidirem apresentar o depoimento de algum menor, terão a garantia de que o acusado será retirado da sala e não terá nenhum contato pessoal com este. Na hipótese de o crime ter sido de natureza sexual ou envolver violência de gênero, a vítima tem o direito de requerer que seja atendida, ao buscar a assistência

estatal, por funcionários do mesmo sexo. Em cada uma destas ocasiões ela tem o direito de se fazer acompanhar por uma pessoa de sua confiança, incluindo seu representante legal - ou seja, uma vítima de crime jamais estará sozinha perante autoridade alguma, seja ela administrativa, policial ou judicial. Sobre esta nova legislação, assim pronunciou-se Frances Fitzgerald, Ministra da Justiça daquele país: "Ela reforçará os direitos das vítimas de crimes e suas famílias, cujas necessidades devem estar no centro do sistema judicial. Ela assegurará que os direitos a informação, orientação e assistência sejam atendidos de forma efetiva e eficiente". Enquanto este belo gesto de recuperação da dignidade das vítimas de crimes e suas famílias acontece lá na distante Irlanda, aqui neste tão cristão e solidário Brasil as vítimas… Ora, as vítimas… PEDRO VALLS FEU ROSA Desembargador do TJES

A Escola Família Agrícola/EFA, no modelo da Pedagogia da Alternância, foi introduzida no Brasil pelo Espírito Santo, alternando semanas de teoria na escola e a prática na propriedade da família, para promover o desenvolvimento integral do aluno - espiritual, intelectual e profissionalmente. A partir da EFA em Anchieta, houve rápida expansão para outros municípios capixabas e também para mais de 20 Estados brasileiros, motivando a criação, em 1982, da União Nacional das Escolas Família Agrícola do Brasil-UNEFAB. O sucesso dessa nova Escola foi tão grande que, em 1989, na elaboração da nova Constituição Estadual, o Deputado Paulo Hartung inseriu nela o Art. 281, regulamentado pela Lei 4523, equiparando as escolas do MEPES às escolas da rede pública estadual. Ele virou “Padrinho do MEPES”. Por ironia do destino, essa Pedagogia

da Alternância está recebendo, agora, duro golpe do governo de seu padrinho. Os cortes brutais no orçamento, tanto por deixar faltar R$ 600 mil para fechar o exercício de 2016, quanto pela previsão de menos R$ 3 milhões para o exercício de 2017. Como o MEPES não dispõe de recursos próprios, a perspectiva atinge patamares nunca vistos, a ponto do Governo não ter recebido sua direção. O atual Governo, escudado no discurso da crise, optou por “retroceder”, causando fechamento de escolas e demissão de professores, além de pôr em risco um dos principais “casos de sucesso” do Estado, em vias de completar 50 anos. Como aposentado do Incaper/ex-ACARES, parceira histórica do MEPES, penso que ainda há tempo para salvar o importante legado do atual governador à causa mepiana. CLEBER GUERRA - Engenheiro agrônomo


Esportes

SEXTA-FEirA, 13 dE jAnEiro dE 2017 j www.EShojE.com.br divulgação

ruy monte dá o recado! rmonte@eshoje.com.br

Não me venham com "chorumelas"

Dentre os obstáculos estão trincheiras, muros, tanques congelados, tanques com lama e cama de gato

Corrida reunindo somente os fortes

A brutus dirt run acontece sábado (14) com cinco quilômetros repletos de obstáculos naturais e construídos Gustavo Gouvêa gustavo@eshoje.com.br

Q

ue o capixaba vem a cada dia tomando gosto pelas corridas, sobretudo as de rua, já não é mais novidade. Haja vista a quantidade de provas no calendário da modalidade pelo Espírito Santo. Mas, neste sábado (14), a fazenda Rico Caipira, na Barra do Jucu, em Vila Velha, vai receber um outro tipo de corrida, que vem ganhando adeptos no Brasil e acontece pela primeira vez em território capixaba: a corrida de obstáculos. São quase 200 atletas do Espírito Santo, Minas Gerais, Rio de Janeiro e Paraná que pularão, escalarão e rastejarão em diversos obstáculos da Brutus Dirt Run, em quatro baterias com cerca de 50 participantes em cada, a partir das 9 horas. Serão cinco quilômetros de corrida com 16 obstáculos naturais e construídos dispostos no decorrer do percurso. Dentre eles estão bar-

reiras, trincheiras (seca e úmida), tanque congelado, cama de gato, muros (de 1,50m, de 1,70m e de 1,80m), king kong (espécie de escada deitada), rope swing (corda para atravessar obstáculos) e tanques com lama. superação O organizador da Brutus Dirt Race, Alen Daniel Brandizzi, afirma que a prova não tem a intenção de revelar campeões, mas propõe a superação pessoal e a cooperação. "O evento é baseado nas 'mud runs', que desde 2008 são sucesso nos Estados Unidos e Europa. Existem provas competitivas, mas o foco aqui é diversão e participação. As pessoas passam os obstáculos, mas a função também é cooperar com o seu grupo. São quatro baterias com pessoas acima de 15 anos de idade (e 1,50m de altura). Ás vezes uma pessoa é pequena e não consegue alcançar o obstáculo, mas o grupo se ajuda mutuamente. Estamos apresentando esse for-

mato ao capixaba", explicou Alen Dentre os regulamentos da corrida estão a duração máxima de uma hora e quarenta minutos a partir do horário de largada - sendo retirado o atleta que exceder este tempo limite - e os atletas poderão visualizar o percurso da corrida antes do início. Outro item que chama atenção no regulamento é que os atletas que não completarem os obstáculos terão uma pena de 20 flexões ou outra atividade física de acordo com a decisão do comitê organizador do evento. "A expectativa é que as pessoas que se inscreveram se divirtam muito, se surpreendam com o que são capazes, mostrem espírito de união e de equipe e que entrem no evento de mente aberta. Achamos que vai surpreender", avisou o organizador Alen Brandini. Os participantes receberam kits com camisas, pulseiras de identificação e número de participação e ao final do evento, todos receberão medalha.

À procura de novos Tritões para quem é fã de futebol americano e aguarda a oportunidade de iniciar na modalidade em uma equipe, o Vila Velha Tritões, principal equipe de futebol americano do Espírito Santo e uma das maiores do País, fará seu "tryout", a seletiva

anual em busca de novos talentos da bola oval. Os interessados precisam se inscrever na página www.tritoes. com.br, preencher o formulário no site e aguardar para receberem a confirmação da inscrição. É preciso ser maior de 17 anos para par-

ticipar e pagar a inscrição de R$ 30. Quem fizer o pagamento antecipado ganhará uma camisa do evento para usar no dia do teste. O Tryout dos Tritões acontece dia 29 de janeiro, a partir das 8 horas, no campo do Colégio Marista, em Vila Velha.

Li com atenção uma entrevista do treinador Flamengo, José Ricardo, onde ele se referia à maneira clássica, bonita e habilidosa de um time atuar, com dribles desconcertantes e passes na medida e bem endereçados. Dá gosto de ver isso. Só que, honestamente, no Brasil foram poucos que se apresentaram assim no Brasileirão 2016. Bom, até teve os que se destacaram, como o Palmeiras! Será que foi essa a tônica do time de Cuca? Vi jogadas de qualidade e o time palmeirense foi tipicamente competitivo. É só ver os gols que foram marcados de bola parada na cobrança de um lateral ou escanteio. Veja bem: o que o Palmeiras apresentou fez parte da ordenança de jogo do seu treinador. O time palmeirense é formado por jogadores de qualidade, mas não tinham 11 ‘Pelés’ ou ‘Zicos’. Um time recheado de jogadores inteligentes e que seguiram à risca o que o treinador pedia. E com um detalhe: depois do título conquistado foram muitas futricas reveladas de jogadores com o técnico. Na hora da vitória nada disso é lembrado. Digo tudo isso porque nem sempre “jogadas bonitas” com um time recheado de craques dá o resultado esperado. É só lembrar o time de Telê Santana, o técnico do momento, que perdeu uma Copa do Mundo tendo uma seleção de feras. Mas esse time foi o quarto colocado. Lembram do time de Carlos Alberto Parreira, que tinha Bebeto e Romário na plenitude de suas formas, além de Mauro Silva e Dunga? Esse time ganhou um mundial. Qual a explicação? O espetáculo de

futebol não é igual ao teatro. No esporte o cara é craque, tem talento, mas não joga à vontade. O jogador não está num circo, mas num campo de futebol e vai ter contra uma série de adversários que não vão deixa-lo fazer tudo o que pode. No teatro, é diferente. No palco o ator fera mostra o seu talento e não tem ninguém para impedir. O futebol tem ainda um problema sério: o torcedor. Principalmente dos clubes que têm torcida em massa. Um time de sucesso tem algo especial no trabalho do técnico, que nem sempre é por ser o gênio da bola e um montão de jogadores de qualidade raras. Esse técnico, que me refiro, teve outros ingredientes que fizeram com o que time chagasse ao objetivo. Algumas vezes esses mesmos elementos não funcionam em outras ocasiões. Marcelo Oliveira ganhou tudo no Cruzeiro! Lembram o sucesso de Luxemburgo, Muricy, Mano? Cuca no Palmeiras era conhecido como “treinador azarão”. Não é tática. Não é só o grupo. Não é só o técnico. Não é só a direção do clube. É tudo e ainda contar com a sorte de estar melhor que os adversários, o árbitro ser justo. Não me venham com chorumelas, pois não existe ciência exata quando a bola rola.

7


CLAssIfICADOs COMPRAR • VENDER • ALUGAR • TROCAR • DIVULGAR sexta-Feira, 13 de janeiro de 2017 j www.eshoje.com.br j eshoje@eshoje.com.br j anuncie: (27) 3395-1800

1

VENDO

imóveis, automóveis, diversos

GRanDe ViTÓRia

Vendo j.Penha Kitnet, elevador, garagem, 180 mil 99973-1001. Vendo j.Penha 3 qts/ste, elevador, varanda 460 mil 9-9989-1243. Vendo j.Penha 2 qts conjunto / Varanda, 250 mil 9-9989-1243 seja um franqueado. Faça parte da maior rede de chocolates finos do mundo. Passamos o ponto: av. Presidente Vargas, 137 - centro Fundão. tel.: 11 94350-2770 nayane Vendo casa – caratoíra (Vitória) – 1º pavimento (começo escadaria) - 02 quartos, sala, cozinha, banheiro e quintal. sem escritura e sem garagem. r$75 mil ou r$60 mil + parcelas – 99865-0734 Vendo apartamento – jardim da Penha – 70m² , 2° andar, 03 quartos com armários, dept de empregada e garagem – ed cataurus – atrás do sup. epa – 99527-0404 Vendo apartamento – jardim da Penha – 90m² , 03 quartos, suíte, elevador, varanda e Vaga. Próximo ao bicho Guloso - estudo troca em imóvel de menor valor. 99989-1243/3071-0527 Vendo apartamento - jardim da Penha - 02quartos c/ suíte, varanda, elevador, 01 vaga, bicicletário, salão de festa com churrasqueira - prox. ao sesi – r$ 355 mil - 99973-1001/3084-5182 Vendo apartamento - jardim camburi – 03 quartos c/ suíte, varanda, elevador, ampla área de lazer - prox. a Vale – r$ 290 mil - 99989-1243/3071-0527 Vendo apartamento – jardim camburi - 02 quartos, 1 banheiro social, elevador sol da manhã, 01 vaga, 2 quadras do mar - r$ 245 mil.. 999731001/3084-5182 Vendo - telas pintadas à óleo - com temas florais de vários tamanhos e valores. angel art 999231 3143. Vendo casa – Vila Garrido (Vila Velha) – 2ª pavimento (começo da escadaria) – 02 quartos, sala, cozinha, banheiro, copa, varanda e terraço – r$ 44 mil ou troca por outro imóvel – 99701-2376 Vendo apartamento – jardim da Penha – ed centaurus - 2° andar, 03 quartos, armários, garagem, dependência de empregada – atrás do supermercado ePa – r$280 mil. 99527-0404

Vendo apartamento – jardim da Penha– 03 quartos, suíte, armários, elevador, varanda e Vaga. Próximo ao banco banestes –estudo veículo como forma de pagamento. 999891243/3071-0527 Vendo apartamento – jardim da Penha - 02 quartos, suíte, armários, elevador, varanda, piscina e 01 Vaga. Próximo ao bicho Guloso -99973-1001/3084-5182 Vendo apartamento – jardim camburi – amplo, 03 quartos, suíte, armários, 02 elevadores, varanda e 02 vagas. Próximo ao shopping norte sul -99973-1001/3084-5182 Vendo 2 camas de madeira (1casal-r$170 e 1 solteiro-r$100) – 99231-3143 Vendo 02 casas – bairro de Lourdes – 03 quartos - r$ 590 mil ou troco por apto em jardim camburi – 999891243/3071-0527 Vendo casa – Paul (Vila Velha) – Parte alta, simples com telhas eternit – 03 quartos, sala, cozinha, área, copa, sem garagem e sem escritura. r$40 mil ou troca por outro imóvel. – 9.997604724 9.99004470 Vendo apartamento - Praia do canto 02 quartos, 01 suíte, armários, varanda, andar alto, 01 vaga, lazer, porteiro 24 h. 99989-1243/3071-0527 Vendo apartamento - jardim da Penha - 02 quartos, 02 banheiros, varanda, sem elevador. r$ 248 mil - 999731001/3084-5182 Vendo apartamento - jardim da Penha - 02 quartos com suíte, varanda, elevador, sol da manhã, armários, próximo a UFes - 360 mil. 99989-1243/ 3071-0527 Vendo apartamento –Guarapari (centro) – 02 quartos, montado, elevador, vaga de garagem, próximo ao correio - r$ 245 mil – 99989-1243 Ve n d o F i l h o t e s d e g a t o s – s i a mês – 03 meses - vermifugados -99231-3143(claro). Vendo terreno - es010 (carapina) - 40 mil m² - 2 mil m² de galpão + escritório - 10 milhões - Luiz carlos alves 99999-4577

2

ALUGO

imóveis, automóveis, diversos GRanDe ViTÓRia

aluga-se casa e quitinete em jardim america - cel.: 27-99629-3378 alugo casa para temporada - meaípe (Guarapari) - duplex, 3 quartos, 2 suítes, 2 banheiros social, 2 salas, cozinha, despensa, área, churrasqueira, varanda, quintal e garagem coberta. acomoda até 20 pessoas. - maria 3022-2878 / 99928-1951 alugo apt° - morada de Laranjeiras - cond. Fechado - 3ª andar, 2 quartos, sala, banheiro, cozinha, Área de serviço, 1 vaga, port. 24hs, área de lazer, churrasqueira, salão de festas. r$700,00 – c/ cond. incluso – 992313143/ 3019-1918 alugo Kitnet - Praia do canto - em frente ao boulevard - residencial bali, mobiliada, r$ 795 + condomínio. 99989-1243 alugoapt°- jardim da Penha (novo) – Póximo a Ufes e ao sup. carone. 2 quartos, sala, cozinha, elevador e garagem - 27 99981-0691 jorge. alugo apt°- cachoeiro – 3 quartos, sala cozinha, sala e garagem - 28 3522 9099. alugo Kitnet - centro de iriri – mobiliado com garagem. aluguel anual - 28 99935-1341/ 3533-1117. alugo terreno - Goiabeiras - localizado em frente a sempre Verde, esquina, com 662,0 m2, todo murado. contato: 99907-6841. cOMunicaDO “aRLinDO PaiVa MORaeS - Me” torna público que obteve do ieMa, através do processo nº 59707925, a Licença ambiental Única (L au nº 02/2017), para o transporte rodoviário Fracionado de Produtos Perigosos, no estado do espírito santo.

cOMunicaDO Lakgran Mármores e Granitos Ltda Me, torna público que está requerendo junto ao iema, através do processo n°54045355, Licença de operação corretiva para atividade de polimento e corte de rochas ornamentais, na localidade de rua alfredo marun massad, nº 75, esplanada, no município de castelo/es.

cOMunicaDO FRanK MunDO iMPORTaÇÃO e eXPORTaÇÃO LTDa, torna público que obteve da semdesU, através do processo 24862/2014, Licença Lms nº 033/2016 para atiVidade de Patio de estocaGem..., cod 18.07 (n), na localidade da rua capitão euclides onofre nº 08, bairro brisamar, município de Vila Velha – es.

GaLWan cOnSTRuTORa e incORPORaDORa S/a cnPj/mF 31.705.692/0001-05 nire. 32300031706 resumo da ata de assembléia Geral extraordinária realizada em 16/05/2016 data, hora e Local: 16 de maio de 2016, às 10:00 horas, na sede social da companhia, localizada na rua antônio ataíde, 823, 10º andar, centro, ceP 29100-290, na cidade de Vila Velha/es, reuniram-se todos os acionistas e aprovaram por unanimidade à alteração do artigo 15 do estatuto social. a ata foi arquivada na jUcees sob o nº 20166241970 em data 03/06/2016.

cOMunicaDO Matavelli Granitos LTDa ePP, torna público que requereu do iema, através do processo n°46144374, renovação da Licença de operação nº 157/2013para atividade de desdobramento, polimento e resinagem de rochas ornamentais, na localidade de Fazenda sossego, s/n°, zona rural no município de castelo/es.

3

sERVIÇOs

alimentação, consórcio, Reparos, etc.

GRanDe ViTÓRia

alvarás de Func. e corpo de bombeiros, atualização de síndico perante rFb; constituição, alteração, encerramento e paralisação. wanderson – climatização, instalação e manutenção de ar condicionado – 27-99888-8667 – mig.wanderson@ gmail.com sos Pronto socorro dos manequins – reformas de manequins, pinturas especiais, compra, vendo e alugo – 98828-5027 99246-1625 Funcionários da PmV que desejarem adquirir o cartão mastercard internacional gratuito do banco daycoval sem sPc ou serasa. Ligar para carvalho 27 – 99507-3978 Legalizamos alvará de Func. corpo de bombeiros; síndicos perante rFb –legalizevitoria@gmail.com. advocacia: trabalhista, civil, Família e criminal - Fernanda Prates - 99964-3150 / 99745-5064 Faço coxinhas congeladas (tamanho médio) para seu lanche - Pronta entrega. 9.98115523 manutenção e instalação elétrica residencial. Ligue: (27) 99967-2221 - Gabriel cOMunicaDO caRLOS GiLBeRTO aRcHanGeLO LOPeS, torna público que requereu a SecReTaRia MuniciPaL De MeiO aMBienTe e DeSenVOLViMenTO RuRaL - Viana, através do processo n° 19105/2016, LicenÇa MuniciPaL aMBienTaL Única, para de TeRRaPLanaGeM / MOViMenTaÇÃO De TeRRa na localidade de FaZenDa Jucu, BaiRRO Jucu, mun. de Viana – es. cOMunicaDO SeRinGueiRa iMOBiLiÁRia LTDa, torna público que requereu a SecReTaRia MuniciPaL De MeiO aMBienTe e DeSenVOLViMenTO RuRaL - Viana, através do processo n° 19109/2016, LicenÇa MuniciPaL aMBienTaL Única, para de TeRRaPLanaGeM / MOViMenTaÇÃO De TeRRa na localidade de FaZenDa Jucu, BaiRRO Jucu, mun. de Viana – es. cOMunicaDO MeTROViX VaLiDaÇÃO e SeRViÇOS LTDa - Me (cnPj: 10.758.582/000123), torna público que ReQueReu da secretaria municipal de meio ambiente de Vila Velha, a LicenÇa ambientaL, para a atividade de manUtenÇÃo e reParaÇÃo de mÁQUinas e aPareLhos de reFriGeraÇÃo e VentiLaÇÃo Para Uso indUstriaL e comerciaL, ref. ao processo nº 63683/2016 situada na rua jardim mirim, nº199, loja 01, cobilandia no município de Vila Velha/es.

4

EMPREGO

Diversos

GRanDe ViTÓRia

ofereço-me para trabalhar em consultório, clinicas ou escritórios - de 13 às 19 horas. sou aposentada, nível superior, facilidade em assimilar conhecimentos, aceito sal. mínimo – 30392202/997129889 ofereço-me para trabalhar como Porteiro ou aux de serviços Gerais – Possuo curso de Portaria, e resido em cariacica – 999490604 ivonete. ofereço-me para trabalhar como Garçom (Freelancer) para Festas e eventos. Formação senac – 99913-4971 – alessandro. ofereço-me para trabalhar como Pedreiro, área de construção civil ou serviços Gerais -disponibilidade para qualquer local - 99717 2657 ofereço-me para trabalhar como Porteiro – Possuo curso de Portaria, auxiliar de escritório, informática básica, cnh ab, ensino médio completo-resido em Vila Velha – 99792-6780 99701-2376 nilson. cOMunicaDO Rogério alves Pereira Restaurantes Me torna público que recebeu da semdesU, através do processo n°30568/2016, Lmar 207/16, para a atividade Padarias, confeitarias, pizzarias, churrascarias e similares, com queima de lenha ou carvão vegetal, 12.28 (n), na localidade de rod. do sol, s/n, Km14, barra do jucú, VV, es. cOMunicaDO SOuZa & VaLLaDaO LTDa Me, torna PUbLico QUe obteVe da semdesU, atraVes do Processo n° 44273/2016, LicenÇa Lmar n° 225/2016 Para a atiVidade de cerimoniaL, cod. 15.11(n), LocaLiZada na rUa iGnacio hiGino, n° 611, Praia da costa, ViLa VeLha – es ceP 29.101-435. cOMunicaDO TRanSDTa TRanS e aSS eM cOMeX, torna publico que obteve do iema, através do processo 76203530 licença LU, para trans de ProdUtos PeriGosos na localidade de ViLa VeLha/es. cOMunicaDO “W e MÁRMOReS e GRaniTOS LTDa Me” torna público que reQUereU da SeMMa – Serra/eS, através do processo 69418/2016, Licença: Lms para atividade de Marmoraria, localizado na av. montes claros, 15, nova carapina i, serra/es. cOMunicaDO YPiRanGa TRanSPORTeS, torna publico que obteve do iema, através do processo 72479752 licença LU, para trans de ProdUtos PeriGosos na localidade de ViLa VeLha/ es.


Vitória, 13 de janeiro de 2017 J Ano XVI J Nº 627J Edição Gratuita Semanal

www.eshoje.com.br

Fundado em 19 de julho de 2000 por Carlos Roberto Coutinho DIVULGAÇÃO

O verão já é do sertanejo Matheus e Kauan, Maiara e Maraísa, e Marilia Mendonça embalam uma noite de sofrência em Guaraparij3

PROGRAME-SE

Solange se despede em Guarapari A vocalista fará sua última apresentação com 'Aviões' no ESj2

É VERÃO...

Festival da imigração alemã no ES A 28ª edição da Sommerfest será em Domingos Martinsj4

MODA

A peça que virou queridinha

O maiô caiu no gosto da mulherada e se destaca no verãoj6


2

Programe-se

SEXTA-FEIRA, 13 DE JANEIRO DE 2017 j WWW.ESHOJE.COM.BR MANU SCARPA

CIRCUITO CULT MÁRCIA ALMEIDA L cultura@eshoje.com.br

Arte gratuita no Museu As portas do Museu da Vale estarão abertas durante todo mês de janeiro para uma série de atividades culturais gratuitas. Além de uma exposição em cartaz - "Acaso Controlado", de Daniel Feingold, com curadoria de Vanda Klabin – o local vai promover workshop de férias. FOTOS: DIVULGAÇÃO

O show de Ivete Sangalo já é tradição no verão capixaba e sua apresentação será no Festival da Pedreira

Furacão Ivete de volta ao Estado

A apresentação será na Pedreira que terá, ainda, o show de despedida de Solange da banda Aviões do Forró

M

  vez a musa baiana Ivete Sangalo embala o verão em Guarapari. A cantora se apresenta neste sábado (14), na Arena Pedreira. A banda Aviões do Forró também será atração da noite e promete emocionar, já que será o último show no Estado com a vocalista Solange Almeida, que seguirá carreira solo. O furacão baiano, que este ano será o enredo da Escola de Samba Acadêmicos da Grande Rio, com o samba “Ivete: do rio ao Rio”, promete um show repleto de hits da carreira, além da nova música de trabalho, O Doce, que é a sua aposta para o Carnaval de Salvador de 2017.

Já a Aviões do Forró, considerada como a banda de maior expressividade no cenário musical brasileiro, promete emocionar, mas sem tristeza com a despedida de Sol. Criada na capital cearense em 2002, o grupo proporcionou uma verdadeira revolução neste segmento musical genuinamente nordestino. Os grandes sucessos lançados pela banda caíram no gosto popular e transformaram-se em números: são mais de três milhões de discos vendidos, com sete CDs e quatro DVDs já lançados, sendo o mais recente a “Pool Party do Aviões”, composto por hits como “Fiquei Sabendo”, “Banca de Flores” e “Lei da Vida”.

O time de atrações do agito conta ainda com SambAdm, Nando & Michel, MC Marcelly e os DJs Rabannada e Babaloo. Os ingressos custam a partir de R$ 70,00 (meia - Pista Premium 1º Lote); R$100,00 (Camarote VIP 1º Lote) e R$180,00 (Open Bar Frontstage 1º Lote) e podem ser adquiridos na Jaklayne Joias (Laranjeiras, Campo Grande e Shoppings Vitória, Praia da Costa e Mestre Álvaro), Itapuã Calçados (Vitória, Vila Velha, Linhares, São Mateus, Colatina, Cachoeiro de Itapemirim, Belo Horizonte e Governador Valadares), Acesso Vip, Soft Modas (Guarapari) e no site www. blueticket.com.br.

Beach club recebe grandes nomes da música eletrônica   música eletrônica vão agitar a balada no Thale Beach neste fim de semana: o duo de DJs e produtores musicais brasileiros Felguk vão comandar a pista no sábado (14) e no domingo (15) a Warung Tour desembarca no beach club.

Únicos brasileiros listados no ranking TOP 100 DJ MAG por cinco vezes, o Felguk – duo Felipe Lozinsky e Gustavo Rozenthal - vem acompanhado de RICCI - o DJ que faz parceria com a dupla no hit “Small Town” -, além de aproveitarem a ocasião para

lançarem a label “Jack it!”. O line up conta ainda com os DJs Victor Kill, Guga Prates e Robson Moreira no comando. O Thale Beach fica na praia da Enseada de Guarapari e as entradas custam R$ 50. O beach club abre às 12 horas.

No workshop, que acontece de terça a domingo os participantes são convidados a fazer releituras das obras que compõem a mostra. Entre os destaques do workshop, a técnica original do artista, que pinta sem pincel e trabalha com esmalte sintético escorrido do topo das telas, utilizando um apetrecho inventado por ele

mesmo: uma lata com uma espécie de bico na parte superior, por onde a tinta escorre. O material poderá fazer parte da exposição que ocupará a sala de Multimeios. As inscrições são gratuitas e devem ser realizadas na recepção do museu, que este mês está funcionando de terça a domingo, das 10 às 18 horas.

#AcordaAlex

Shows nacionais

O Restaurante Natural Sal da Terra, no Hortomercado, em Vitória, vai sediar, nesta sexta-feira (13), um almoço beneficente com renda revertida para o tratamento domiciliar do músico Alexandre Lima. Apresentações artísticas estão na programação do evento.

O produtor cultural Patrick Ribeiro já está montando a agenda de shows para este ano. Já estão confirmados o cantor Amado Batista, no dia 24 de março, Nayara Azevedo, no dia 05 de maio e a dupla sertaneja Marcos e Belluti, no dia 13 de maio.

Bolachão

Neste sábado (14), o Shopping Ja r d i n s s e d i a mais uma edição da Feira do Vinil. O evento é uma ótima oportunidade para amantes do vinil garimparem raridades e trocarem discos novos e usados, nacionais e importados. Quem doar brinquedos em bom estado – que serão doados para o Centro de Acolhimento e Orientação à Criança e ao Adolescente, de Goiabeiras - vai ganhar um LP infantil.

Lançamento

O Teatro Carlos Gomes abre as portas no dia 21 para o lançamento do CD “A Furiosa”, do Quarteto Vitória, formado pelos músicos Phillipp Areias, Matheus Chagas, Caio Rodrigues e Eliseu Martins. O trabalho tem 12 faixas e difunde a música instrumental brasileira e o folclore capixaba. Ingressos na bilheteria.


3

Matéria de capa

SEXTA-FEIRA, 13 DE JANEIRO DE 2017 j WWW.ESHOJE.COM.BR

Matheus, Kauan e muito sertanejo no verão capixaba

Estourados nas rádios de todo o país, irmãos goianos farão suas estreias no verão de Guarapari

O N santo bateu” é uma das canções mais tocadas nas rádios brasileiras na atualidade. E claro, ela estará no repertório do show que a dupla Matheus e Kauan fará nesta sexta sexta-feira (13), no Multiplace Mais, em Guarapari. Os irmãos goianos já nasceram unidos pelo gosto musical e escolheram desde cedo à música como profissão. A dupla teve início em 2010, já conseguiu emplacar diversas músicas que não saem da boca da galera e muitas fazem sucesso na voz de artistas como Jorge e Mateus, Luan Santana, Gusttavo Lima, João Neto e Frederico, entre outros. “Temos três DVDs – o novo será lançado próximo mês – e a música “Mundo Paralelo” foi muito tocada, mas nada comparado a “Que Sorte a Nossa” que apresentou a dupla para todo o Brasil”, declara Kauan. Kauan explica que começou a carreira bem antes do irmão e que aos cinco anos já cantava na igreja e participava de vários festivais. “Quando a família me incentivou pra seguir a carreira comecei a procurar um parceiro para fazer dupla, mas nunca dava certo. Até ir morar nos Estados Unidos. Quando voltei o Matheus já estava com 13 anos e tocando violão e compondo. Alguns anos depois começamos com a dupla”, diz. Sobre o show em Guarapari – esta é a primeira vez que os ir-

CREDITO

A dupla se apresenta pela primeira vez no Estado, no placo do Multiplace Mais

mãos vão se apresentar na cidade – eles dizem que vão mostrar um pouco do que é o DVD “Na Praia 2”, que será lançado em breve. “Misturamos os nossos trabalhos: vai ter um pouco

do DVD “Face a Face”, passamos pelo “Na Praia” e, claro, vamos mostrar algumas canções inéditas como 'Oitava Dose' e 'Te Assumi pro Brasil' que lançamos oficialmente esta se-

mana nas rádios de todo o Brasil”, afirma Matheus. Além do novo DVD, que foi gravado na Praia do Leblon, no Rio de Janeiro, este novo ano trás mais uma novidade na

carreira da dupla: Pela primeira vez os irmãos vão puxar um trio elétrico do Bloco Pirraça, no Carnaval de Salvador. “É um ano que promete”, decretam Matheus e Kauan.

Tem "patroa" na programação DIVULGAÇÃO

A 'Festa das Patroas' é comandada pelas irmãs Maiara e Maraísa, e por Marília Mendonça(centro)

  irmãos Matheus e Kauan estarão de um lado, a sofrência segue do outro. Guarapari terá uma sexta-feira (13) marcada pelo sertanejo da melhor qualidade. É que enquanto a dupla estará no Mais, em Meaípe, na Praia do Morro as cantoras sertanejas fazem a noite das patroas da Pedreira. Maiara & Maraísa e Marília Mendonça prometem um encontro de sucessos. Ótimos exemplos dessa boa fase, as cantoras têm um show repleto de sucessos, com letras de força sobre o amor e as dores causadas por ele. As patroas avisaram que chegaram para ficar e prometem mostrar todo o potencial da voz feminina. Com apenas 20 anos de ida-

de, Marília Mendonça está bombando nas rádios com “Sentimento Louco”. Já as gêmeas Maiara & Maraísa têm como um dos principais hits a música “10%”, além da composição de canções gravadas por toda a nova geração: “Cuida bem dela”, “Caso Indefinido”, “Ser Humano ou Anjo” e “Prisão sem grade”. “Estamos no pique de 2017, muita energia, muita expectativa de coisas boas, muito sentimento de gratidão por tudo o que vem nos acontecendo, muito amor! Vamos levar nosso melhor para cada um que estiver presente e fazer nosso show que sempre tem alguma novidade surpresa pra galera”, garante Maiara.


4

É verão

SEXTA-FEIRA, 13 DE JANEIRO DE 2017 j WWW.ESHOJE.COM.BR DIVULGAÇÃO

MULTIMÍDIA BIANCA COUTINHO L bianca@eshoje.com.br

Verão completo A Prefeitura de Presidente Kennedy preparou um verão repleto de atrações para seus moradores e turistas. E ficou como responsabilidade da Prisma Propaganda a divulgação das atrações. A principal atração do festival é o desfile cultural, que neste ano terá o tema "A saga do nosso imigrante"

Verão no melhor estilo dos alemães A 28ª edição do festival da cultura alemã acontece em Domingos Martins entre os dias dois e 5 de fevereiro

U

È VERÃ

O

  mais tradicionais celebrações da cultura alemã do Espírito Santo vai começar! Domingos Marins já se prepara para a 28ª edição da Sommerfest, o Festival da Imigração Alemã. O evento que celebra a chegada dos primeiros imigrantes ao município de Domingos Martins será entre os dias 2 e 5 de fevereiro. A programação reúne muita música, danças folclóricas e comidas típicas, além de atrações já consagradas como o concurso de Rei e Rainha, nas categorias adulto e infantil, o animado concurso do lenhador, o desfile cultural, a alvorada e a homenagem no marco da Imigração Alemã, em Biriricas. A Rua de Lazer

também concentra programação paralela na edição 2017. Neste ano, o festival traz pela primeira vez a Vila Germânica, um espaço gastronômico diferenciado com diversas opções de cervejas artesanais e comidas típicas alemãs, no Espaço Cidade do Verde, anexo à Praça Dr. Arthur Gerhardt, em Campinho. Uma segunda praça de alimentação estará localizada na área ao lado do Centro Cultural (antigo Hotel Imperador) com a oferta de pratos típicos da cozinha brasileira e alemã. Outra novidade será a Banda Alemã Itinerante. Composta por músicos martinenses, o grupo vai percorrer as ruas da cidade ao som de músicas típicas alemãs nos intervalos da programação oficial. No palco principal do evento o destaque fica com a banda catarinense Herr Schmitt, que tem

entre seus integrantes ex-líderes da Banda Cavalinho. A Herr Schmitt se apresenta na sexta (3), no sábado (4) e no domingo (5) e também deve participar da alvorada e do desfile cultural. DESFILE CULTURAL Principal atração, o Desfile Cultural deste ano terá o tema “A Saga do nosso imigrante” e contará a trajetória dos imigrantes e seus descendentes, desde o século 19 até os dias atuais. Ao todo serão 21 carros alegóricos e 45 alas, somando aproximadamente 500 integrantes. O Festival da Imigração Alemã tem a organização da Associação Cultural e Recreativa Campinho (ACRC), da Associação Comercial e Empresarial de Domingos Martins (Ace-DM), e o apoio da Prefeitura Municipal de Domingos Martins.

Os mais bonitos do verão em Pontal do Ipiranga   Ipiranga, em Linhares, vai eleger a Garota e o Garoto Verão 2017. Os candidatos interessados em representar a beleza do balneário devem procurar a secretaria municipal de Esportes e Lazer até o próximo dia 20, das 8 às 12 horas para se inscreverem gratuitamente. A secretaria fun-

ciona na Avenida Augusto Calmon, 1117, no centro, na antiga sede da Câmara. Os candidatos devem ser acima de 18 anos. Mais informações podem ser obtidas por meio do telefone 3372 2128. Os vencedores irão receber troféus e premiação de patrocinadores. Os requisitos para ser eleito Ga-

roto ou Garota Verão são simpatia, desenvoltura, e também, a beleza. "A nossa ideia é resgatar um hábito cultural do balneário e sobretudo exaltar a beleza dos turistas e veranistas que escolhem o Pontal do Ipiranga para o verão e carnaval", contou Ângela Gusmão, que está a frente do evento.

Com o tema "Em Presidente Kennedy seu verão fica completo", a campanha divulga a agenda de shows e atrações do litoral da cidade. A agência também foi responsável pela criação da marca do verão 2017 da prefeitura, que traz o slogan: Diversão para todas as idades, em referência a tranquilidade das praias Kennedenses, mas também ao agito proporcionado pelas atrações.

Projeto piloto da Toyota mundial no ES A Kurumá Vila Velha, empresa do Grupo Águia Branca, é uma das seis concessionárias Toyota do Brasil escolhidas pela montadora para participar do projeto piloto Best In Town. Idealizado pelo presidente da Toyota Motor Corporation, Akio Toyoda, o projeto tem como objetivo tornar cada concessionária da marca a melhor da cidade. DIV

GA UL

ÇÃ

O

“Todos dizem que a Toyota é a melhor empresa automotiva do mundo, mas o cliente não liga para o mundo. O cliente liga se nós somos ou não os melhores em cada cidade. É isso que quero ser”, são as palavras do presidente da Toyota, Kaio Toyoda. Ainda em 2017, o projeto será ampliado para outras concessionárias Toyota.

De cara nova

Á água Campinho da Coroa teve sua embalagem da versão natural modernizada. A mudança foi desenvolvida pela Danza, que criou uma nova identidade visual, que preservou elementos que acompanham a história da água Campinho, como o perfil das montanhas. Para valorizar o design da garrafa, foi proposto ainda uso do rótulo transparente para as versões natural e lemon.

Tecnologia a favor do esporte

Para acompanhar a tendência de aplicativos nos dispositivos móveis, todas as unidades da Academia Razões do Corpo vão contar com essa ferramenta em que

Nova campanha

os alunos e funcionários da instituição poderão consultar informações e a ficha de treino. O aplicativo estará disponível para dispositivos Android e IOS.

Com o objetivo de mostrar que a Betha Espaço Imobiliária é uma aliada na hora de comprar, vender ou alugar o imóvel, a campanha institucional mostra de forma lúdica as facilidades que a imobiliária pode oferecer. A campanha #FaleComABetha foi criada pela Prisma Propaganda, com parceria da Fulltime Filmes na produção e da Aldeia Marketing de Conteúdo nas inserções da web.


5

SEXTA-FEIRA, 13 DE JANEIRO DE 2017 j WWW.ESHOJE.COM.BR

Social

Bianca Coutinho bianca@eshoje.com.br

Diversidade e sabor O chef Ari Cardoso, famoso por comandar a cozinha gourmet do Hotel Fazenda Park do China, aceitou o desafio proposto pelos irmãos Alberto, Fabiano e Leonardo Laviola Poncio proprietários do posto Tims, na Rodovia do Contorno, na Serra: assumir a cozinha do restaurante Murano, anexo ao posto. A ideia é inovadora e criativa. CAMILA LUZ

Um selfie de Ana Luiza Azevedo e Débora Lyra em dia de shooting para a campanha de verão das Óticas Paris

Clássico. Cintura marcada, saias volumosas e muito brilho são algumas características ideais para as noivinhas que querem se casar com um estilo mais clássico, garante Aliki Brunetti.

Nova gestão. The Coca-Cola Company anuncia, no dia 16, em São Chef Ari Cardoso, Leonardo, Celso Poncio, Fabiano, Martha e Alberto Laviola Poncio na abertura do Restaurante Murano O que o público terá de serviço no Murano é um self-service da mais alta qualidade e diversidade de sabor. O espaço oferece um

ambiente aconchegante e moderno, para receber famílias inteiras ou até encontro de amigos. As opções vão além do básico do dia a

dia - por lá tem siri e bacalhau gratinado, Fusilli a Puttanesca, Penne ao Alfredo, Mignon ao Porto e Procine, dentre outros pratos.

Paulo, os detalhes da estratégia global de marketing na companhia e seus desdobramentos no país. Estarão presentes Henrique Braun, novo presidente da Coca-Cola Brasil, e Marco de Quinto, vice-presidente global de marketing da Coca-Cola Company.

Gianduia, yes! Donos da mais clássica fábrica de chocolate da

Itália, Paul Caffarel e Michele Prochet inventaram a pasta de gianduia no século VXIII. Uma iguaria que Renata Póvoa já inseriu à receita do bolo de chocolate de sua Cakes and Bakes.

Couro Moda. João Fraga e Márcia Pedroni desembarcam em São

DIVULGAÇÃO

Paulo para a Couro Moda, evento que conta com os maiores líderes do varejo e da indústria de calçados e acessórios da América Latina.

Turnê pela Europa. Um dos talentos mais promissores do pia-

no brasileiro, Aleyson Scopel fará uma série de recitais na Europa. Natural de Vitória, ele é detentor de vários prêmios, dentre eles o Magda Tagliaferro e o Nelson Freire. Punta Cana foi o lugar escolhido pela colunista de 'Véu de Noiva', Ariane Perovano

Menos endividados em Vitória

Dados da Fecomércio-ES mostram um recuo no percentual de endividados e de inadimplência do consumidor de Vitória. Na pesquisa realizada no mês de dezembro do ano passado, o percentual de famílias endividadas foi para 67,8%, cor-

respondendo a 86 mil famílias da capital. Esse número é menor que os 70,9% registrados em novembro de 2016. Além da taxa de endividamento ter baixado no mês, a qualidade do endividamento também melhorou.

Feliz aniversário para Francieli Koep e Bruna Dornellas (13), Raimundo de Oliveira (14), Júnior Vieira, Hermes Laranja (17), Renata Pacheco e Evandro Mello (18). DIVULGAÇÃO

Danda Merces entre Rosiane e Marcos de Paula: almoço de verão


6

SEXTA-FEIRA, 13 DE JANEIRO DE 2017 j WWW.ESHOJE.COM.BR

Moda

Lorena Vago

lorena@eshoje.com.br

Maiô é o novo biquíni de 2017

FOTOS: DIVULGAÇÃO

Assim que chega o verão sempre falamos dos mais diversos modelos de biquínis, mas e os maiôs? Já vimos diversas vezes como a moda é cíclica, e vira e mexe algumas coisas voltam para as passarelas e vitrines. Agora é a hora dos anos 90 ganhar cada vez mais expressão na moda de hoje. Os biquínis sempre foram os queridinhos das brasileiras no quesito moda praia, porém os maiôs viraram a peça queridinha deste verão, graças ao retorno da década de 90. Sucesso nas praias nos anos 1980, o maiô estilo asa-delta volta com tudo no verão de 2017. Kim, Kylie, Beyoncé, Selena e muitas outras celebridades e fashionistas já desfilaram por aí com a tendência. O maiô asa-delta é um modelo bem sexy e tem como marcas registradas o corte bem alto e o decote cavado, inclusive nas costas, destacando tanto as

pernas, quanto os seios. E no bumbum, o famoso fio dental. Mas não é só de asa-delta que vive a tendência, maiôs com decotes frontais, recortes na cintura, strappys e tiras, estampas de folhagens ou divertidas. As opções são inúmeras, para todos os corpos, todos os estilos. São tão democráticos que não ficam restritos apenas a praia ou piscina e passaram a ser usados também no asfalto. E se você ainda não tem um maiô para chamar de seu, a hora é agora!

Engana-mamãe Hope; com detalhe em renda Amaro e look abacaxis Maria Gueixa

Começando com o pé direito

Look Print; preto NU; de babado Sofia by Vix; colorido Marta Reis; de recortes Salinas; “Aloha” Jo De Mer para Dona Santa; um ombro Adriana Degreas e look Magia do Mar

Iniciando 2017 com o propósito de levar beleza, positividade e bom-humor aos consumidores, O Boticário começou o ano com uma super promoção para o público feminino. As amantes de maquiagem vão pirar porque são descontos de até 40% em mais de 400 produtos, de make e também de perfumaria feminina. A promoção é válida até 22 de janeiro nas lojas de todo país, com as revendedoras da marca e no e-commerce (www.boticario.com.br). Aproveite!

Summer sale

E janeiro começou cheio de promoções de verão. Entre os dias 12 e 14 de janeiro, as empresárias Iara Quaresma e Francieli Crespo realizam, em sua loja Vestiaire, a ‘Summer Sale’ com descontos de até 40% em toda a loja. Quem já entrou nesse clima de liquidação é a loja de calçados Jorge Bischoff, na Praia do Canto, que está com a coleção ‘Tropical Summer’ com descontos progressivos de até 50% e todos os acessórios com 30%. Já a empresária Roberta Mello, da loja Tendenze, em Itapoã e Jardim da Penha, também colocou toda loja com promoção de até 30%. É tempo de aproveitar e renovar o guarda-roupa com as tendências da temporada. Look Empório Life; azul Richards; com frase Dzarm; estampa étnica Sinesia Karol e litrado Cia. Marítma

Ilumine e contorne

A linha de maquiagem da SD Make Up conta com o My Crush. Seguindo a linha de produtos versáteis, no estojinho do My Crush você tem blush e iluminador juntos! Com uma aderência forte e ótima pigmentação, o produto pode também ser usado para fazer um contorno no rosto, afinando as bochechas. O iluminador cumpre muito bem sua função e confere uma aparência saudável à pele. A linha de maquiagem está disponível na Sobrancelhas Design Jardim Camburi.


7

SEXTA-FEIRA, 13 DE JANEIRO DE 2017 j WWW.ESHOJE.COM.BR

Sabor ES

Aline Dias

Porque comer com prazer é ainda melhor!

sabores@eshoje.com.br ALINE DIAS

Atum é o peixe da vez! A boa proteína faz uma diferença considerável na salada e o atum tem sido o queridinho. O peixe pode dar um toque saboroso e nutritivo à refeição.

A salada da cheff Luiza Sampaio leva atum fresco selado, mas outra opção é usar o peixe enlatado em óleo

SALADA DE ATUM

Ingredientes:

irem secando. O ovo cozido por até cinco minutos pode ficar com a gema meio mole, para dar a suavidade ao prato. Reserve os dois. w P o gergelim e o sal no atum e sele em uma frigideira com fogo alto. Após, corte em fatias. w B o creme de leite fresco até atingir ponto de chantilly. Em seguida adicione mostarda e mexa com a mão. Corrija o sal e adicione pimenta do reino branca a gosto. w A é só montar: Coloque o chantilly no fundo do prato, as baby leafs por cima, os Modo de preparo: ovos cortados e, então, o atum. Decore com w E as babys, lave e separe para as folhas as flores comestíveis (se quiser!). w1

mão cheia de a cada porção de Baby Leafs (brotinhos de folhas) w 1 ovo caipira cozido w 30 de gergelim w 200 de Atum w 1 colher de café de Mostarda Dijon w 180 de Creme de Leite fresco w S e pimenta do reino branca a gosto w F comestíveis - 2 pequenas por prato (opcional)

Os peixes sempre são uma boa escolha para o verão e refeições em geral, ainda mais no calor. São nutritivos, leves, gostosos e fazem muito bem à saúde. O atum é a sugestão de hoje devido a versatilidade dele: cru, cozido, assado, selado e até em lata, as possibilidades de pratos com esse peixe são enormes e saborosas, além dos benefícios para a saúde. O atum está entre os peixes com as propriedades nutricionais mais ricas e, portanto é um alimento de suma importância para quem deseja estabelecer uma vida sadia e longe de doenças. O consumo é excelente para o controle do colesterol – aumenta o colesterol bom (HDL) e diminui o colesterol ruim (LDL) – e traz uma série de utilidades para vários aspectos da saúde. O grande bônus nutricional do alimento é o ômega3 – 150 gramas de atum contém cerca de 800mg do nutriente mg do nutriente – uma gordura saudável que faz muito bem ao coração por seu efeito vasodilatador, e está associado a uma gama de utilidades. O nutriente

favorece ainda as transmissões elétricas do cérebro e ajuda no aprimoramento da concentração, memória e prevenção do Mal de Alzheimer da terceira idade. O atum também conta com vitaminas do complexo B, antioxidantes e minerais úteis á saúde como potássio, ferro, magnésio, selênio e potássio. Entre tantas outras características, as que mais gosto são que o atum melhora o humor, reduz o stress e ajuda na perda de peso. Dá pra ter características melhores, gente? Tudo isso aliado a um peixe delicioso e fresco! Imperdível, né? A receita da semana é uma salada hiper refrescante, saborosa, leve e bonita, com o atum como artista principal das papilas gustativas, feita pela cheff Luiza Sampaio, do restaurante Enseada Mediterrâneo. Segundo ela, trata-se de um prato ideal para servir em um jantar com os amigos ou um almoço nesse verão, que está de “matar”! A opção é surpreendente, porque agrada a todos e, o melhor, é bem fácil de fazer.


Jornal ESHOJE_627  

Pela Grande Vitória, várias obras financiadas com recursos da União estão atrasadas e paralisadas. O BNDES, por exemplo, liberou R$ 92,2 mil...

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you