Page 1

FEVEREIRO 2013 - ANO XIII - Nº 154

FEVEREIRO - 2013 - ANO XIII - Nº 154

Clima de Carnaval já toma conta de Campinas

Sesc abre inscrições para programas gratuitos voltados a crianças e jovens

Clovis Cordeiro

Carol Margiotte

Divulgação

Espaço das Artes do Ciesp expõe telas de Geni Dagnoni

Passistas da Mocidade Independente marcaram presença em Campinas

Zoom do Castelo Os eventos sociais da região

Divulgação

Pág. 04

Jovens participam de atividade de percussão

Pág. 07

Pág. 04 Tela barcos, em exposição até o final do mês

Ana Maria, Gustavo, Ana Lúcia e Renato Mauldonet

Doces Lembranças Chega de Saudade Pág. 02

CIDADANIA Campinas terá Centro Dia do Idoso Pág. 08

CULTURA & LAZER Lume desenvolve programas direcionados ao teatro

Pág. 04

COMPORTAMENTO Lições de um incêndio

Pág. 08

NUTRIÇÃO

Como deve ser alimentação equilibrada

Pág. 05

Pág. 03


jornaldocastelo@globo.com www.jornaldecampinas.com.br

Artigo Especial

O flagelo da dependência química

De acordo com dados do Escritório das Nações Unidas sobre Drogas e Crime (UNODC), a presença do crack no Brasil vem crescendo assustadoramente. Em 2002, 200 quilos da droga foram apreendidos. Em 2007, a apreensão totalizou 578 quilos, equivalente a 81,7% do crack apreendido na América do Sul. Diante desse cenário, o país precisa voltar sua atenção à preocupante questão do consumo de substâncias psicoativas ilícitas, principalmente o avanço do crack, que vem se configurando como um dos graves problemas sociais do mundo. O flagelo do crack está atingindo a população brasileira, independente da classe socioeconômica ou da faixa etária daquele que consome esse tipo de droga. As cracolândias não se concentram mais em áreas degradadas das cidades, grandes ou pequenas, já invadiram as casas, as escolas, as empresas, os espaços públicos, demonstrando que não tem limite em fazer novos reféns, entre crianças, jovens e adultos.  Diante do poder viciante e letalidade do crack e do despreparo do Poder público em tratar tantos dependentes químicos, o tratamento obrigatório surgiu como uma proposta de sociedade e se materializou em um convênio firmado entre o governo do Estado de São Paulo, o Tribunal de Justiça, o Ministério Público e a Ordem dos Advogados do Brasil – Secção São Paulo para que aqueles que estejam em iminente risco de vida possam ter uma alternativa de sobrevivência. Os dependentes químicos vivem uma realidade de degradação humana, perambulando pelas ruas e escondidos em “buracos”. Há um vale-tudo para sustentar o vício, filhos que agridem e roubam os pais, filhas que se prostituem, laços familiares que se diluem diante de tanta violência, a ressaltar a quebra social intensa. O destino da maioria dos usuários de crack, segundo o levantamento, é morte por overdose ou ser vítima de homicídio.

O censo de 2010 traz um novo dado alarmante: o número de usuário já estaria em 2,3 milhões de brasileiros. A maior parcela dos dependentes de crack é formada por homens jovens, mas o consumo feminino vem avançando , sendo que hoje temos o registro de centenas de casos de mulheres grávidas dependentes. Certamente, não poderíamos enquanto sociedade viver com medo e insegurança; dispostos a abdicar de direitos e garantias; mas tínhamos de buscar alternativas para enfrentar o desafio de uma solução temporária, capaz de dar uma resposta à sociedade. Dessa forma, o serviço jurídico que funciona no Centro de Refe­ rência de Álcool, Tabaco e Outras Drogas (Cratod), na capital paulista, está mobilizando advogados, juízes e promotores para que os dependentes químicos em situação de risco e sem consciência de seus atos sejam encaminhados a tratamento ambulatorial e internação, após avaliação médica e judicial. Esta é mais uma importante contribuição da comunidade jurídica à cidadania e um passo importante na política de saúde e de direitos humanos e no enfren­ tamento do crack. Nes­­­se pacto, os advogados e demais operadores do direito fortale­ cem seu papel social, porque mate­ rializam as possibilidades de colaboração efetiva da Justiça e buscam reduzir os prejuízos cau­sa­dos pela dependência química.

Marcos da Costa - advogado e presidente da OAB/SP

Rede Imobiliária Campinas foca em programa de educação continuada

Impressão: Lauda Editora, Consultorias e Comunicações Ltda.

2013 - ANO XIII - Nº 15413.207-684 RuaFEVEREIRO Baronesa do Japi, 53-Centro-Jundiaí-SP-CEP: PÁG. 2 Tiragem: 7.000

DOCES LEMBRANÇAS...Chega de Saudade Álbum de família

Departamento Comercial: Fone: (19) 3241-7727 jornaldocastelo@globo.com

Redação:

Roncon & Graça Comunicações

Antônio De Lucca Junior, presidente da Rede Imobiliária Campinas

A Rede Imobiliária de Campinas, que conta com 29 imobiliárias associadas, anuncia parceria com a Facamp para a realização este ano de programa de educação continuada. O presidente da Rede Imobiliária Campinas, Antônio De Lucca Junior, informa que a parceria, abrange a rea­lização de cursos de Aprimoramento em Direito Imobiliário e em Gestão de Equipes e Resultados, para os profissionais das imobiliárias associadas. Pela Facamp, a coordenação dessa parceria é dos professores Rodrigo Sabbatini e Maria Lúcia de Freitas Petrucci Ferreira. A diretoria da Rede Imobiliária Campinas amplia em 2013 o seu programa de educação continuada para os colaboradores das associadas, uma vez que a expectativa é positiva para o aumento dos negócios de compra, venda e locação de imóveis residenciais e corporativos. As associadas da Rede Imobiliária Campinas representam conjuntamente uma força de vendas de 600 colaboradores, atuando através do conceito de exclusividade compartilhada. Esse conceito inovador, possibilita que o proprietário do imóvel para venda ou locação, eleja uma das imobiliárias como responsável para gerenciar seu imóvel, compartilhando esse imóvel com as outras associadas da Rede, multiplicando exponencialmente as possibilidades de negócios através desse sistema unificado de informações. Conteúdos - No programa do curso de Aprimoramento em Direito Imobiliário serão abordados contratos e registros imobiliários; direito do consumidor imobiliário e direitos tributário, ambiental e urbanístico. No programa do curso de Aprimoramento em Gestão de Equipes e Resultados serão abordados valores, personalidades, atitudes e motivação das pessoas na organização; gestão de grupos e equipes de alto desempenho; captação, desenvolvimento e retenção de talentos e ferramentas e práticas de avaliação e resultados. Os cursos de Direito Imobiliário e Gestão de Equipes e Resultados acontecem, respectivamente, na sede da Rede, no período de abril a maio e de agosto a setembro de 2013. O presidente Antônio De Lucca prevê para 2013 investimentos em torno de R$ 200 mil, em educação continuada e marketing. Especialização De Lucca afirma que a entidade foi criada para agilizar e movimentar o mercado imobiliário, como uma força dentro do segmento, para produzir negócios de forma rápida, eficiente e segura para os clientes. A Rede veio também para trazer maior especialização para os profissionais do setor imobiliário. Um dos pilares de atuação da Rede está focado na educação continuada, voltada para os colaboradores das associadas. Em 2012, foram realizados cursos em módulos. O primeiro voltado para

o tema Confiança e Credibilidade e o segundo módulo para Fotografia, explicando os principais requisitos para uma foto de qualidade para os profissionais do ramo imobiliário, que serão compartilhadas no sistema de informação. Outra coluna de sustentação da atuação da Rede Imobiliária Campinas é o marketing, no sentido de divulgar as ações entre o público em geral e o mercado imobiliário como um todo. Excluvidade Compartilhada No mercado regional desde 2006, a Rede Imobiliária Campinas atua através do sistema de exclusividade compartilhada, onde o cliente interessado na venda ou locação do seu imóvel, faz um contrato de exclusividade com uma das imobiliárias associadas da Rede, que passa a ser responsável pela negociação comercial. Pelo sistema de exclusividade compartilhada, as informações do imóvel são enviadas para todas as outras as­ sociadas, que contam com a força conjunta de 600 colaboradores de todas as associadas. O cliente faz um contrato de exclusividade de no mínimo 90 dias com essa imobiliária. Um dos diferenciais da Rede, explica seu presidente, é a valorização do profissional captador do ramo imobiliário, que pelo sistema de exclusividade compartilhada recebe em dobro os honorários praticados. Em média, a Rede Imobiliária com as suas 29 associadas, conta com aproximadamente 2 mil captações exclusivas e em torno de 70 negócios por mês. São cerca de 45 pontos de vendas. De Lucca ressalta que o proprietário do imóvel, a ser vendido ou locado e que utilizar os serviços de uma das imobiliárias associadas à Rede, não vai gastar nada a mais por isso e passa a se beneficiar de um sistema inovador de vendas, que traz transparência e ética e uma nova cultura para o setor de venda e locação de imóveis.

José Dias e Luzia, dona Lena e Sebastião Longuini

Saudade é uma daquelas palavras fortes, capazes de provocar as mais diferentes emoções. Só conhecida em galego e português, essa palavra tenta descrever uma miscelânia de sentimentos que incluem o amor, a perda, a falta, a distância de alguém ou de algum lugar. Talvez por ser tão complexa é que não exista em outras línguas. Originária do latim (solitas, solitatis = solidão), com o tempo foi transformando-se ao sabor das variações da pronúncia: solitatem, solidade, soldade e, finalmente, saudade. Dizem que a palavra surgiu na época do Brasil colônia para definir a solidão dos portugueses que para cá vieram, muito longe de seus parentes e amigos. No Brasil ganhou até data especial, o Dia da Saudade, comemorado em 30 de janeiro. Exatamente no dia em que me dediquei a escrever essa crônica. De tantas lindas definições que li sobre saudade, a de Pablo Neruda é a que, para mim, melhor resume esse vulcão de sentimentos. Em um trecho de seu poema sobre Saudade, ele diz que: “é quando o amor ainda não foi embora, mas o amado já...” Entendam como “amado” toda pessoa querida e digna de despertar em nós essa confusa mescla de sentimentos, como os dois amigos do bairro que faleceram em janeiro: José Dias e Cleyton Silva. O Zé Dias tem uma história curiosa que poucos sabem. O verdadeiro sobrenome de sua família era Said, e não Dias, como consta da sua certidão de nascimento. Seu pai, por desavenças com a família, decidiu inverter o sobrenome. O José Dias foi um funcionário público exemplar, marido dedicado da Luzia, pai do José Ricardo e excelente vizinho. Ele foi também um dos maiores colaboradores da Igreja Cristo Rei, inclusive participando ativamente da arrecadação de recursos financeiros para a sua construção, conforme já contei aqui. Foi ele quem cedeu a edícula no fundo da sua casa, na Rua Comunidade Luziada, para abrigar a nossa familia (pai, mãe e cinco filhos, imaginem!), nos dois ou três meses necessários para a reforma da nossa casa. Quem fazia isso naquele tempo? Quem faz isso hoje em dia? Quem ainda tem amigos assim? De você, José Dias, e de sua família, temos apenas boas lem-

branças. Quando crianças - tí­ nhamos 6 ou 7 anos de idade -, o José Ricardo e eu só brigávamos. Na adolescência viramos amigos e muitas vezes voltámos a pé, do Círculo Militar, batendo longos papos. O Cleyton Silva era irmão do Ildeo (Guinho) e cunhado da minha irmã Regina. Ele era filho do seo Geraldo e da dona Aurora e irmão do Evandro, do Haroldo, do Moisés, da Cleusa, da Ana Lúcia (Luia), do Tita e do Guinho, que moravam na Rua Ana Gomes. O Cleyton, que eu me lembre, nunca morou em Campinas, já que, quando deixou Uberlândia, foi viver em São Paulo para trabalhar como radialista e, depois, como humorista. Mas passava todas as férias no Jardim Chapadão, mesmo depois que se casou com a Isis. Nós convivemos muito com seus filhos, Cleytinho, Andrea e Erica. Cleyton Silva ficou nacionalmente conhecido pelos bordões de seus personagens na TV, entre eles, “Tô di oio nu sinhô!”, “Vâmo fazê nossa postinha?”, “Pregunto!”, “Bobinho esse minino” e “Eita, fuminho bão, sô!”, no programa A praça é nossa. Ele estava no elenco da atração desde sua estreia, em 1987.  Nos anos 1970 participou de alguns qua­ dros de Os Trapalhões. Também atuou no cinema nacional, como nos filmes Pecado horizontal, Na violência do sexo e O bem dotado - O homem de Itu.  José Dias e Cleyton: que Deus possa ter reservado um lugar bem bacana para vocês nessa nova etapa da vida espiritual. O que mais posso dizer? Já temos saudades.

Vera Longuini vera@ateliedanoticia.com.br


ESPECIAL

Blocos e passistas animam o Carnaval de Campinas Clovis Cordeiro

Trio Elétrico da City Banda atraiu milhares de foliões pela ruas do Cambuí O campineiro já caiu na folia mesmo antes dos dias oficiais do carnaval. No sábado, 02 de feve­ reiro, diversos blocos seguiram o Trio Elétirco City Banda que, mesmo sob a chuva, reuniu mais de 3 mil pessoas pelas ruas do Cambuí, e, no domingo, dia 03, foi a vez do Nem Sangue nem Areia animar os foliões na Vila Industrial. No Boteco São Bento também teve um pré-carnaval, no domingo, dia 03, com um “esquenta” do ensaio da bateria da escola de samba Mocidade Independente de Padre Miguel que trouxe integrantes da bateria, um puxador, um passista e três mulatas. O evento reuniu centenas de jovens, com direito aos sambas enredos que marcaram tempo no carnaval carioca. Carnaval popular O Carnaval Novo Tempo Campinas 2013, organizado pela Prefeitura Municipal, tem desfiles marcados para 11 (segunda) e 12 (terça) de fevereiro.  Onze escolas de samba dos grupos “Pleiteante”, “Acesso” e “Especial” irão descer a Avenida do Samba, na saída do túnel Joá Penteado, na Vila Industrial. Além de blocos especiais com suas alegres fantasias e alegorias. Com praça de alimentação, banhei­ros químicos e arquibancadas, a população poderá prestigiar o carnaval de rua de Campinas. A expectativa é receber cerca de 30 mil pessoas. Para garantir a segurança do público serão mobilizadas equipes da Defesa Civil, da Setec, da Setransp, Guarda Municipal, SAMU e Polícia Militar. Um grande afetivo foi destacado para segurança, organização do trânsito e fiscalização. Esse ano, para chegar ao local dos desfiles foram montadas linhas alternativas de ônibus, com horários especiais.

Clovis Cordeiro

Grupo capricha na fantasia de palhaço Clovis Cordeiro

Passistas da Mocidade Independente de Padre Miguel, do Rio de Janeiro, se apresentaram no Boteco São Bento

Horário de verão termina dia 17

Clovis Cordeiro

Foliãs produziram um visual especial para a City Banda

Saúde vai distribuir 70 mil camisinhas durante o Carnaval A Prefeitura de Campinas vai distribuir 70 mil camisinhas ao público durante os desfiles carnavalescos na Avenida do Samba. A medida integra a campanha “A vida é melhor sem Aids. Proteja-se. Use sempre a camisinha”, do Ministério da Saúde. Além dos preservativos, 35 profissionais do Programa de Doenças Sexualmente Transmissíveis, da Secretaria Municipal de Saúde, estarão disponíveis para fornecer panfletos e informações sobre formas de transmissão, maneiras de prevenção e locais para buscar assistência caso a pessoa tenha se submetido a situações de risco.  De acordo com a médica infectologista Cláudia Barros, coordenadora do Programa Municipal de DST/Aids, não há nada melhor que o uso do preservativo para prevenir as doenças sexualmente transmissíveis. “Essa época do Carnaval nos ajuda a reforçar essas mensagens de sexo seguro, mas nosso trabalho é realizado o ano inteiro”, explica.  Segundo um levantamento do programa municipal DST/Aids, anualmente, uma média de 260 pessoas são infectadas pelo vírus HIV em Campinas. “É uma situação que

está estabilizada desde 2007. Mesmo assim, isso não nos deixa tranquilos”, avalia Cláudia. Ainda segundo o levantamento, a faixa etária com maior incidência de casos é entre 30 e 39 anos, seguida por pessoas entre 40 a 49 anos.  “Essa mudança de tom na campanha do Ministério da Saúde explica-se por um comportamento que temos percebido, especialmente dos mais jovens, que não conviveram com os tempos em que a Aids era uma doença sem perspectiva de tratamento”, conta Cláudia. Ela explica que o uso dos medicamentos a partir de 1996 transformaram a Aids em uma doença crônica. Além disso, governos e sociedade civil tra­ balharam para diminuir o estigma e a discriminação das pessoas vivendo com HIV/Aids.  “Realmente, os medicamentos trouxeram a possibilidade de uma maior qualidade de vida. Porém, são drogas agressivas, o tratamento é para toda a vida e a doença traz, sim, repercussões físicas”, explica a médica.  

Decom - PMC

O horário de verão terminará no próximo dia 17 de fevereiro, um domingo. Moradores de estados das regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste do país, além de Distrito Federal, deverão atrasar uma hora nos relógios. O horário de verão começou no dia 21 de outubro de 2012, que corresponde ao terceiro domingo de mês. Desde 2008, com a edição de um decreto do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que o horário de verão se inicia no terceiro domingo de outubro e vai até o terceiro domingo de fevereiro. O objetivo do horário de verão é aproveitar os dias mais longos da estação, com mais tempo de luz solar, para economizar energia.

FEVEREIRO 2013 - ANO XIII - Nº 154 PÁG. 03

Abertas as inscrições da 3ª Meia Maratona Amil As inscrições para a 3ª Meia Maratona Amil Campinas já estão abertas. A prova, que já faz parte do calendário oficial da cidade está marcada para o dia 24 de março, assim os participantes poderão desfrutar do clima de verão durante a prova. Para essa edição, a expectativa é atrair 3,5 mil pessoas, entre atletas e corredores amadores, divididos nas duas modalidades de prova disponíveis para a data: 21Km e 10Km. A largada será no Largo do Rosário, no Centro, às 7h do domingo, 24 de março, e os percursos de ambas as provas contemplam as principais avenidas da cidade, como Francisco Glicério, Aquidaban, Moraes Salles, José de Souza Campos (Norte-Sul) e Princesa D’Oeste, chegando até a Praça Arautos da Paz, no Taquaral. Nesse percurso os atletas da meia maratona percorrerão toda a extensão da ciclofaixa da cidade. Como o clima tem relação direta com o desempenho dos atletas, vale ressaltar que, por ser realizada apenas há alguns dias do final do verão, a previsão é de temperaturas um pouco mais elevadas e, portanto, o cuidado com a hidratação deve ser redobrado. Já o terreno é equilibrado entre subidas, descidas e áreas planas. As inscrições já estão aber­ tas e podem ser feitas pelo site da Noblu Sports, empresa organizadora do evento: www.noblu. com.br. A inscrição para 21km é de R$ 69,90 e para 10Km, 49,90. Toda a população de Cam­­­­­­­ pinas e região está convidada a prestigiar os atletas. Basta comparecer ao Largo do Rosário, na largada e, depois, aguardar pela emoção da chegada! Serviço: Meia Maratona Amil Campinas. Data: 24 de março de 2013 Horário da largada: 7h Local da largada: Largo do Rosário, Centro, Campinas Inscrições: Até 20 de març o / w w w. n o b l u . c o m . b r Valores: R$ 49,90 (10Km) e R$ 69,90 (21Km). *Maiores de 60 anos pagam 50% do valor. Infor­­mações: Noblu Sports (19) 3295-8981

Próxima edição 07 DE MARÇO

Ligue (19) 3241-7727


COMUNIDADE

Sesc apresenta programação diversificada em fevereiro Carol Margiotte

Geni Dagnoni expõe suas telas no Espaço das Artes do Ciesp Divulgação

Encerramento da Olimpíada Sesc Curumim Em fevereiro a programação do Sesc Campinas traz diversas atividades de música, teatro, dança e atividades esportivas. Já para as crianças e adolescentes, começa nesse mês o período de inscrições para os programas socioeducativos: Sesc Curumim, destinado a crianças de 7 a 12 anos, e o programa Papo Geral, que atende o público jovem de 13 a 17 anos. As inscrições para o Sesc Curumim estão abertas desde o dia 1º e, no dia 14 de fevereiro começam para o Papo Geral. Mais informações sobre os programas e a documentação completa podem ser conferidas no portal www.sescsp.org.br Nos dias de carnaval, a programação conta com blocos e apresentações musicais que remetem aos tradicionais carnavais de rua. Aos finais de semana, as crianças podem conferir espetáculos teatrais aos sábados e, nos domingos, apresentações de vídeo, dança, música e circo. Os adultos contam com apresentações dos espetáculos teatrais

“Curta a Temporada”, “Aberdeen: Um possível Kurt Cobain” e “Luis Antonio – Gabriela”, que acontecem às sextas feiras. Para os apreciadores da dança, a técnica “Contato Improvisação” estará em pauta no mês, com espetáculos, oficinas e sessões de improvisação. Os cinéfilos poderão acompanhar as exibições do longa “A conversação” e do curta metragem “A Voz” que contará com a participação de parte dos realizadores do filme, além de uma oficina sobre produção de curta metragem. A programação do Sesc Verão traz diversas modalidades esportivas como Tiro com Arco, Oficinas de Esportes, Festival de Xadrez para deficientes visuais e Futebol de Mesa, o destaque fica para a participação da jogadora Érika, titular da seleção brasileira de futebol. A unidade do Sesc em Campinas fica na Rua Dom José I, 270/333-bairro Bonfim. O telefone da Central de Informações é (19) 3737-1500.

Flores com abstratos em exposição A artista plástica e poetisa Geni Dagnoni traz em feve­ reiro seus óleos sobre tela para exposição no Espaço das Artes do Ciesp-Campinas. A mostra ficará aberta ao público de 5 a 28 de fevereiro de 2013, sempre de segunda a sexta. Geni Dagnoni participa de várias academias: de Letras Meno­ tti Del Picchia, de Itapira, da Mantiqueira,do Rio de Janeiro e de Letras, Ciências e Artes das Forças Armadas, entre outras. Ela tem participado de inúmeras exposições de artes plásticas e também como ilustradora de capas de livros. Geni Dagnoni traz

pássaros, natureza morta, flores e várias abstrações para essa exposição, através de óleos e acrílicos sobre tela. Espaço das Artes A exposição da artista Geni Dagnoni, com óleos e acrílico sobre tela, fica aberta ao público, no Espaço das Artes do Ciesp-Campinas de 5 a 28 de fevereiro de 2013, das 8h30 às 17h30, de segunda a sexta. O Espaço das Artes fica na sede da entidade à Rua Padre Camargo Lacerda, 37 - bairro Bonfim, em Campinas. Fone (19) 37432200.

Romana oferece Coffee Break para empresas Divulgação

FEVEREIRO 2013 - ANO XIII - Nº 154 PÁG. 04

Projetos do Lume movimentam a cena teatral Neste mês de fevereiro, o LUME Teatro, localizado no distrito de Barão Geraldo, em Campinas, se transforma num centro fervilhante de práticas e ideias em torno da arte teatral. Na sua 12ª edição, os tradicionais Cursos de Fevereiro devem reunir mais de 150 participantes de diversas culturas e sotaques. O mês assinala, ainda, a quinta edição do Terra LUME – mostra de apresentações, demonstrações de trabalhos e debates, que proporciona troca, aprendizado e apreciação entre todos os participantes dos cursos e o público em geral. No Terra LUME, sempre com entrada franca, o público poderá conferir a demonstração técnica SerEstando Mulheres, de Ana Cristina Colla (dia 19 de fevereiro, às 18h30), e os projetos em processo, inéditos, do primeiro solo de Raquel Scotti Hirson, Alphonsus (25/02, 21h), e do primeiro espetáculo de Naomi Silman em parceria com a atriz israelense, radicada na Inglaterra, Yael Karavan, Púpik(dias 22 e 23/02, às 21h). A programação se completa com outras demonstrações técnicas pelo elenco do LUME, e a exibição do documentário Hoixuás, de Letícia Sabatella e Gringo Cardia, com participação especial de Ricardo Pucce­ t­ti. Simpósio Terra LUME inclui, ainda, o II Simpósio Reflexões Cênicas Contemporâneas, de 18 a 21 de fevereiro, com debates que levam à reflexão novas formas de documentar a criação e atualizar

o debate sobre as artes performáticas. O Simpósio será rea­ lizado no campus da Unicamp. As inscrições estão abertas até 14 de fevereiro e podem ser feitas no site www.lumeteatro. com.br, no link II Simpósio. Sobre o LUME O Lume é um coletivo de sete atores que se tornou referência internacional para artistas e pesquisadores no redimensionamento técnico e ético do ofício. Um espaço de multiplicidade de visões que refletem as diferenças, impulsos e sonhos de cada ator. De sua sede em Barão Geral­ do, Distrito de Campinas (SP), o grupo desenvolve e difunde sua arte e metodologia através de oficinas, demonstrações técnicas, intercâmbios de trabalho, trocas culturais, assessorias, reflexões teóricas e projetos iti­ nerantes, que celebram o teatro como a arte do encontro. Desde 2009, o LUME também funciona como Ponto de Cultura Federal, reconhecido pelo Ministério da Cultura (MinC).   Serviço: Programação com entrada franca. Distribuição de senhas 1 hora antes de cada espetáculo. Capacidade: 70 lugares. Local: LUME Teatro (Rua Carlos Diniz Leitão, 150. Vila Santa Isabel, Distrito de Barão Ge­ raldo. Campinas – SP). Telefones: (19) 3289-9869// (19) 3289-3135 www.lumeteatro.com.br contatos@lumeteatro.com.br

Arthut Amaral

Sanduiche de metro é opção no cardápio

O setor de eventos no Brasil está no auge. É o que mostra pesquisa recente rea­ lizada pelo Instituto Alatur e o Meeting Professionals International (MPI), onde aponta que o orçamento para eventos corporativos irá aumentar em 2013, cerca de 12%. Esse crescimento influencia diretamente o mercado de serviços, que sempre está em busca de oferecer novidades para o setor. A Confeitaria Romana é um exemplo disso e, com a qualidade e pontua­ lidade do atendimento, está oferecendo o Co­ffee Break para reuniões e eventos corporativos. O serviço pode ser contratado nas três unidades de Campinas, e a reserva deve ser feita com até 24 horas de antecedência.

São três tipos de pacotes, todos no mínimo para 20 pessoas. O cliente pode escolher os tipos de pães salgados, pães doces ou recheados, sabores dos bolos, sanduiches na baguete, suco, café, leite e água. Todos os módulos acompa­ nham materia­ is descartáveis como copos, guardanapos, talheres e pratos. Dois saches de açúcar, adoçante líquido, 300 ml. de suco de laranja e 200 ml. de água por pessoa. Jarras, louças, toalhas e pegadores ficam por conta do cliente. Os valores são: módulo I R$ 16,50 por pessoa, módulo II R$ 21,20 por pessoa e o III R$ 31,00 por pessoa. Veja o cardápio completo do Coffee Break no site: www. confeitariaromana.com.br

Alphonsus, primeiro solo de Raquel Scotti Hirson


RESTAURANTES/NUTRIÇÃO

Como manter uma alimentação equilibrada A população atual está enfrentando sérios problemas de saúde que são as doenças crônicas não transmissíveis (obesidade, dia­betes, hipertensão arterial, entre outras) que poderiam ser prevenidas com adequação dos hábitos alimentares e estilo de vida. E como ter uma alimentação balanceada? É necessário haver um equilíbrio entre 3 fatores: valor calórico x distribuição desse valor calórico e qualidade dos alimentos ingeridos. O valor calórico que necessitamos depende de vários fatores, entre eles: sexo, idade, peso e atividade física. O valor calórico necessário para uma mulher sedentária de 35 anos, pesando 65 quilos manter seu peso, é de aproximadamente 2200 calorias diárias. A forma com que iremos distribuir essas calorias ao longo do dia é um fator muito importante. Quando ficamos muito tempo sem nos alimentar, induzimos nosso corpo a reservar gordura e utilizamos massa muscular como combustível na falta do alimento. Por esse motivo é importante o intervalo de 3 horas para cada refeição e lanches. Tão importante ou mais do que saber o valor calórico dos alimentos e distribuí-los de forma adequada ao longo do dia, é saber o valor nutritivo dos alimentos. É necessário ter um equilíbrio entre os grupos alimentares e, dentro desses grupos, procurar os alimentos mais nutritivos. Saiba um pouco sobre os nutrientes: Carboidratos - Função ener­ gética: cereais, pães, massas, tubérculos, biscoitos, etc. Tipos de carboidratos: Absorção lenta (complexos, integrais, por exemplo) ou rápida (simples, pão branco, por exemplo). Quantidade recomendada: 6 a 11 porções diárias. Verduras, frutas e legumes São alimentos ricos em fibras, vi-

taminas e minerais. Função: reguladora. Quantidade recomendada: 3 a 5 porções diárias de vegetais e de 2 a 4 porções diárias de frutas. Carnes e ovos - São alimentos com maior fonte de proteínas. Função construtora. Quantidade recomendada: 1 a 2 porções diárias. Leite e derivados - São alimentos fonte de proteínas e carboidratos. Funções construtora e energética. Quantidade recomendada: 2 a 3 porções diárias. Leguminosas - São alimentos fontes de proteínas, fibras sais minerais. Funções construtora e reguladora. Quantidade recomendada: 1 a 2 porções diárias. Açúcares e gorduras - Funções Energética e de reserva. Exem­ plos: azeite, óleos, manteiga, margarina, banha e doces de forma geral. Tipos de gordura: Vegetal (insaturadas) e animal (saturadas). Quantidade recomendada: 1 a 3 porções diárias. A prática de atividade física, boa interação social e bem estar mental, são objetivos que devem ser colocados em prática dia após dia.

Regina Esteves Jordão CRN3 – 13437 Nutricionista regina_nutri@yahoo.com.br

Creme de mandioquinha e brócolis Ingredientes: 1 colher (chá) de raspas de casca de laranja 2 dentes de alho amassados 2 xícaras (chá) de brócolis picado 500 g de mandioquinha 1 colher (chá) de azeite de oliva 1/2 xícara de creme de leite light 2 tabletes de caldo de legumes 1 colher (sopa) de cebolinha verde picada Modo de Preparo: Raspe a mandioquinha e corte-a em pedaços. Coloque-a em uma panela, junte o caldo de legumes, as raspas de laranja e 5 xícaras (chá) de água. Leve ao fogo baixo e cozinhe com a panela semi-tampada, por cerca de 30 minutos, ou até que a mandioquinha fique macia. Espere amornar e bata no liquidificador. Na mesma panela, aqueça o azeite e refogue o alho. Acrescente o brócolis e o caldo batido no liquidificador e deixe até começar a ferver. Adicione o creme de leite, e polvilhe a cebolinha no momento de servir.

FEVEREIRO 2013 - ANO XIII - Nº 154

PÁG. 05


GUIA DE SAÚDE, COMPRAS E SERVIÇOS

O que fazer para meu filho ter boas notas na escola? Estamos no mês de fevereiro, as aulas já começaram e, com elas, o temor do desempenho das crianças na escola. É neste momento de desgaste emocional que os pais precisam saber o que fazer e como ajudar os filhos nesta fase tão importante da vida deles: a formação de um indivíduo. Além de conseguir identificar qual é a melhor escola para seu fi­ lho, é importante saber como é seu filho, quais são seus pontos fortes e fracos, e ter uma participação ativa no desenvolvimento dele. Você deve procurar saber como ele se empenha em cada matéria, com os amigos e nos esportes... perguntar à escola quais aulas são mais e menos atraentes para ele. Algumas crianças apresentam dificuldades de aprendizagem e isso pode estar relacionado a diversos tipos de problemas: déficit de atenção, hiperatividade, acalculia (dificuldades para fazer simples cálculos matemáticos), discalculia (desordem neurológica para compreender e manipular números), disgrafia, dislexia, medo de errar, timidez e rejeição familiar. Independentemente do proble­ ma, ele tem solução. Além de recorrer a psicólogos, psicoterapeutas e outros profissionais da área, os pais podem optar pela Ginástica Cerebral. Ela contribui significativamente para o desempenho de qualquer pessoa. Com poucos minutos de dedicação por dia e uma dose de disciplina, ela percebe claramente os benefícios da ginástica para o cérebro. Em Campinas já existe um lugar que cuida desse assunto: Método Supera, uma escola especializada em cuidar de cérebros preguiçosos. O Método Supera Ginástica para o Cérebro potencializa o cérebro tornando-o mais dinâmico e estimulando suas múltiplas inteligências, como lógico-matemática, espacial, musical, sinestésica, entre outras. Com a prática de exercícios que incluem cálculos no ábaco, jogos educativos e, dinâmicas de grupo, o aluno aprende a se concentrar nos estudos, prestar aten­ção nas aulas, ter agilidade de raciocínio e confian­ ça em si mesmo. As atividades em equipe desenvolvem habilidades fundamentais para convívio social e a resolução de problemas de forma criativa. Isso proporciona mais qualidade de vida para você e para seu filho, fazendo com que ele retenha mais informação e conquiste melhores resultados na escola. Para saber mais, agende sua aula demonstrativa gra­ tuitamente e aproveite que o ano letivo vai começar para garantir um futuro mais tranquilo.

FEVEREIRO 2013 - ANO XIII - Nº 154 PÁG. 06

Por que economizar afeto? (Parte12) Muitos de nós, em várias ocasiões (trabalho, família e relacionamentos amorosos), ficamos em silêncio na hora errada, e esta situação não causa tanto impacto na sociedade quanto a violência física, por não existir manifestação explícita e aparente de agressão, porém é uma realidade tão cruel quanto à outra; a diferença é que a segunda deixa marcas visíveis, contudo, na primeira, as feridas podem ser mais profundas e perigosas, porque se trata de uma violência emocional. A violência emocional destrói a autoestima do outro. A agressão verbal é uma violência também, mas é real, concreta, deixa para o outro uma oportunidade de concluir algo e de ter uma referência. O silêncio indiferente ou a simples ausência de diálogo é a omissão de um comentário ou argumento esperado para o momento e, portanto, machuca muito mais. Nesse tipo de violência também acontece a depreciação de tudo do outro. Esclarecer e aceitar as diferenças é aceitar a verdade do outro, é admitir o nosso equívoco diante de uma realidade. Elas, em certos momentos, nos aproximam justamente porque nos afastam da rotina. É o que geralmente acontece quando se inicia uma nova relação. Quando os relacionamentos começam, são também essas diferenças que “fascinam” os parceiros. A novidade e a surpresa provocam uma vibração que motiva e colore a relação, porém, quando é necessário conviver com elas rotineiramente, não resistimos e calamos, silenciamos. Amor se demonstra em atitudes concretas. Mesmo com todas as dificuldades da vida, quando ain­da existe cumplicidade, respeito, perseverança e disposição de

compreender, alegria em compartilhar, vemos os dias seguirem com o fortalecimento dos laços que unem um casal. É no dia a dia que se solidificam os relacionamentos. Sentimentos que não são traduzidos em atos não alcançam o outro e quando nossas atitudes demonstram mais ressentimento e indiferença que afeição ficamos atordoados, sem chão, daí; infelizmente economizamos afeto. Lembre-se: amor, atenção, carinho e amizade não se pedem. Apenas se recebem; pois, ninguém dá o que não tem. Sente-se amado aquele que sente-se aceito, que se sente bem-vindo, que se sente inteiro e que ouve isso do outro. O silêncio é plenitude de comunicação. Evitar o silêncio negativo do mau-humor, da agressividade, do desgosto, da raiva e, principalmente, da “ausência”, é demonstrar sensibilidade, afetividade e respeito. O silêncio quando é amor, fala e quando é desamor, agride. Vamos aprender a arte de silenciar?

Vinicius D´Ottaviano Ph. M. - Psicologia Clínica viniciuspsique@hotmail.com

Método Supera Ginástica para o Cérebro Unidade Castelo Av. João Erbolato, 120 - Jd. Chapadão Campinas F: 19—3305-5516       castelo@ metodosupera.com.br

HORÓSCOPO ÁRIES -21/03 a 20/04: O trânsito da lua, estará reforçando o seu lado espiritual. Estímulos no sentido de prestar serviços aos seus semelhantes, sem, contudo, deixar de manter uma avaliação crítica nos seus relacionamentos pessoais. Período bom para contratar servidores, contar com favores, fianças.

LIBRA - 23/09 a 22/10: Dia benéfico. Favorável em tudo o que pretenda realizar ou conceber. Faça deste dia, um marco de otimismo e felicidade. Procure vivê-lo intensamente. Dia ideal para o amor. Vista-se de verde quando necessitar de inspiração e deixe as suas atividades mais importantes para a parte da manhã.

TOURO - 21/04 a 20/05: Melhora total em todos os assuntos profissionais, sociais e financeiros se farão sentir neste momento. Aproveite para passeios e para se unir com amigos e entes queridos. Poderá encontrar a pessoa que irá amar.

ESCORPIÃO - 23/10 a 21/11: Seus empreendimentos serão prósperos. Terá sucesso na defesa de seus direitos e triunfará em todos e quaisquer assuntos legais. Seja mentalmente independente e mais firme em suas crenças.

GÊMEOS - 21/05 a 20/06: Período em que deverá tomar cuidado com estranhos, novas amizades, vizinhos e pessoas que são de sua inteira confiança. Só viaje se for de muita necessidade. Cuide da sua saúde e evite excessos.

SAGITÁRIO - 22/11 a 21/12: Indícios de excelente contatos com pessoas mais idosas que você e de bom nível financeiro e material. Aproveite tal oportunidade para tirar proveito. Inteligência clara e forte magnetismo pessoal.

CÂNCER - 21/06 a 21/07: Fase de ótima influência astral, para o casamento ou união, namoro para novas associações e para lucrar em negócios junto ao sexo oposto. Contudo, tome cuidado com rivalidades e inimigos declarados.

CAPRICÓRNIO - 22/12 a 20/01: Ainda um período conciliatório nos assuntos amorosos, nas associações e no relacionamento humano. Algumas pequenas surpresas no ambiente de trabalho e na saúde poderão quebrar seu ritmo.

LEÃO - 22/07 a 22/08: Inteligência, seu êxito será total, neste momento, principalmente no trabalho e na vida social. Período feliz no casamento e ao noivado e para tratar de seus interesses financeiros. Amizades bem sucedidas. VIRGEM - 22/08 a 21/09: Faça de tudo para melhorar suas condições sociais, amorosas e profissionais. Mas tudo dentro de um sentido honesto e inteligente. Boas notícias na área amorosa devido seu bom-humor.

AQUÁRIO - 21/01 a 19/02: A Lua e a posição de Mercúrio favorecerão a vida amorosa, as atividades criativas e as artes. Sintonia afetiva com a pessoa amada permitirão um perfeito entendimento, com a possibilidade de surgirem novos planos para o futuro. PEIXES - 20/02 a 20/03: Sentimentos mais fortes e estáveis na vida amorosa, fortalecendo o casamento e as relações duradouras. Apesar disso, poderá se sentir um tanto inseguro quanto a si próprio. Necessidade de momentos de tranquilidade e da privacidade para recuperar-se emocionalmente.

“Todos os dias, sob todos os pontos de vista, vou cada vez melhor”


V

“Apague com um sorriso, toda a tristeza que lhe invade a alma. Assim não dará aos que te odeiam a alegria de te ver chorando, mas dará aos que te amam a alegria de te ver sorrindo.” autor desconhecido

A

R

I

E

SOCIAL

Sambão da Hípica A programação de précarnaval para associados e seus convidados estava a todo vapor: a Estação Primeira de Mangueira foi uma das atrações nas duas noites de festa. A Noite das Cores (Azul, Vermelho e Branco)  abriu as festas. E mais na programação: concorrido Baile à Fantasia, Carnaval Infantil,  piscina sonorizada.

ACESSE: www.

jornaldecampinas Neusa Leoncini

.com.br

Divulgação

D

Divulgação

D

E

S

Boteco São Bento “Esquenta” As cores verde e branco tomaram conta do Boteco São Bento Campinas no domingo, 03, quando integrantes da Mocidade Independente de Padre Miguel realizaram ensaio oficial na casa pela segunda vez – a primeira apresentação foi em 2010. Ninguém segurou a bateria, que fez com que os convidados vibrassem ao lado dos passistas da escola, uma das mais tradicionais do Carnaval carioca. A casa, inteiramente decorada nas cores oficiais da Mocidade, se transformou, por algumas horas, na capital do samba, repleta de gente bonita de toda a região e da capital paulista. O DJ Maurício Tuzollo abriu a pista no início da tarde e, ao final da apresentação, o DJ Gui Quércia assumiu a pick-up. A festa transcorreu até a noite, regada a muita Budweiser, Red Label e por aí afora. Que venha o Carnaval.

Dolor, Maria do Carmo, Thiago e Silvia Xidieh

A

FEVEREIRO 2013 - ANO XIII --Nº Nº154 154

PÁG. 07 PÁG. 07

Clovis Cordeiro

Priscila Rizzo e Ronaldo Camelo, no Boteco São Bento Clovis Cordeiro

Teatro Iguatemi chega em março

“ Em Nome do Jogo”, com Marcos Caruso e Erom Cordeiro foi o espetáculo escolhido para a abertura do teatro do Shopping Iguatemi Campinas. Com previsão de ser inaugurado em 12 de março, o teatro tem capacidade para 515 lugares, ocupa uma área de 2.410 metros quadrados, na área da cú­pula, no 3º Piso do Shopping Iguatemi. Marco Aurélio Monteiro, com mais de 20 anos de experiência entre teatro e cinema, está na direção. Nos três primeiros dias da semana de inauguração, a programação será dedicada à imprensa e convidados.

Fernanda Terlizze e Marcelo Cabu em clima de samba Álbum pessoal

Outback Steakhouse lança “Happy Dinner” O Happy Dinner acontece em todos os restaurantes da rede e oferece, para o jantar, combo de steak com preço especial. Durante esse perío­ do, o cliente poderá degustar um jantar com uma opção de salada de entrada, uma de carne, um acompanhamento e uma bebida por R$ 45,90. A ação vale de domingo a quinta-feira (exceto feriados), a partir das 18h. São três opções de carne, nove acompanhamentos, três deliciosas saladas e três tipos de bebidas. O cliente pode montar o seu combo, com preço único, escolhendo uma opção de cada item. A ação é válida até o dia 28 de fevereiro e não é cumulativa com outras promoções Outback. Terence Christopher, Mirela, Giane, Alyssa e Neusa, Família McGee/Leoncini

Loja Oficina Primavera Desde 2008, a loja da ONG Grupo Primavera é a principal forma de venda e de divulgação das peças artesanais desenvolvidas pela equipe de artesãs da entidade do Jardim São Marcos, localizada em Campinas. A receita obtida com a venda dos produtos nesse espaço nobre da cidade reverte-se na formação de crianças e jovens atendidos há mais de 30 anos pelo Grupo Primavera. A nova unidade, no Galleria Shopping, funcionará em seu horário habitual (de segunda a sábado, das 10 às 21 horas), com atendentes contratadas pela ONG.

Ana Franke e Vini Rigoletto (aniversariantes) recebem abraços de Vanessa Rigoletto, em comemoração no Karaokê IshiiSom, no Jardim Chapadão


VARIEDADES

Campinas terá Centro Dia do Idoso

Maquiagem completa a fantasia do Carnaval

Clovis Cordeiro

Clovis Cordeiro

Grupo Flor da Terceira Idade acompanhou o evento O secretário estadual de Desenvolvimento Social Rodrigo Garcia assinou, com  o  prefeito Jonas Donizette, o termo de adesão ao Selo São Paulo Amigo do Idoso, em evento no Salão Vermelho do Paço Municipal de Campinas.Com essa ação, Campinas recebe verba de R$ 1,5 mi para a construção de um Centro Dia do Idoso que ainda está em projeto e não tem local definido, mas deve ficar pronto até 2014. O recurso também será investido em outras ações que visam o bem estar da população idosa. Para o secretário municipal de Cidadania, Assistência e Inclusão Social, Carlos Roberto Cecílio, a assinatura do termo é o início de um processo geral que visa implementar medidas de assistência ao idoso. “Buscamos soluções que diminuam a vulnerabilidade das pessoas idosas da nossa terra”, comenta. Conforme o Censo de 2010, a cidade tem 133.801 idosos (pessoas com 60 anos ou mais) e 178.000 jovens entre 15 e 24 anos. Mas, esse número de idosos ultrapassará a população jovem em 2015, e haverá uma inversão do cenário. Dentro de 2 anos, a expectativa é que a população idosa chegue a 164.000, projetando um aumento de 22,5%, enquanto que a de jovens passe por uma diminuição de 12%, ficando em 157.000. Centro Dia O Centro Dia é um espaço físico onde o idoso passará o dia todo

ou poderá optar por meio período e terá à disposição lazer e entretenimento, receberá alimentação e medicação em horários certos e participará de cursos e atividades sociais. No final do dia, voltará para sua casa, assegurando o convívio com os familiares. A implantação desse equipamento atende uma necessidade antiga dos idosos que hoje não dispõem de lugares apropriados para o convívio social. Monica Giacometti Secco, presidente do Conselho Municipal do Idoso (CMI), alerta para que a obra seja de imediato e afirma haver outras ações a serem efetivadas. “Hoje recebemos avisos de hospitais que têm pacientes idosos em alta médica, mas que não podem ser mandados para a casa por não terem condições financeiras ou não terem familiares para recebê-los”, lembra. “ A implantação do Centro Dia atende uma reivindicação de mais de 10 anos defendida pelo CMI e entidades técnicas do setor, mas ­ainda temos muito que conquistar. O idoso demanda atenção multisetorial como saúde, transporte, segurança e assistência”, comenta ela. São Paulo Amigo do Idoso A Secretaria de Desenvolvimento  Social vai investir R$ 89,8 milhões em equipamentos de  atendimento ao idoso em  todo o Estado. A previsão é implantar 108 Centros  Dia  (R$  500  mil cada unidade) e 126 Centros de Convivência de Idosos (R$ 250 mil por equipamento) em todo o Estado.

Uso do glitter garante a luminosidade nos olhos Nos dias carnavalescos nada de sair com a “cara limpa” para a folia. Em ambientes alegres seja em salões ou na avenida, as cores predominam nas fantasias e cabe bem uma produção cuidadosa para completar o visual. Na maquiagem de carnaval vale tudo, pode-se abusar das cores, brilhos e acessórios, o importante é sentir-se confortável com o estilo que você escolher. “Nessa maquiagem apostei em arabescos decorados com glitter dourado e usei muito glitter verde na pálpebra, ensina Paula Torres, do Salão Écio Correa. A maquiadora alerta, ain­ da, que a manutenção não pode ser esquecida. “Lembre-se que está muito calor e você estará dançando, então opte por produtos a prova d’agua para

Maquiagem nos olhos e laterais da face

anos, acompanhadas de adulto pagante, têm entrada franca. Serviço: 32ª Expoflora Localização: Holambra, SP 340, Rodovia Campinas-Mogi Mirim, saída 140 Data: de 30 de agosto a 29 de setembro, de sexta-feira a domingo Horário: das 9 às 19 horas Ingressos: a partir de R$ 14,00 (antecipados para grupos); R$ 32 na bilheteria Informações para o público: (19) 3802-1499 ou pelo e-mail reservas@expoflora.com.br

A Expoflora começa a venda antecipada de ingressos para a edição 2013. A promoção, iniciada em 01 de fevereiro, destina descontos de até 56% a grupos de, no mínimo, 20 pessoas. Neste ano, a “festa das flores” ganhou mais um final de semana e será realizada de 30 de agosto a 29 de setembro, de sexta-feira a domingo, das 9h às 19h. Para os grupos que efetuarem a compra até o dia 15 de maio os ingressos custam R$ 14,00 em relação ao preço de bilheteria, que será de R$ 32,00 (desconto de 56%). Nas compras realizadas até

15 de junho, cada entrada sai por R$ 15,00 (53% de desconto). E, para quem adquirir o bilhete até 15 de julho, o valor será de R$ 16,00 (50%). A cada 20 ingressos antecipados adquiridos haverá uma cortesia. A promoção na venda antecipada é limitada a cinco mil unidades por dia. Os ingressos podem ser adquiridos na Central de Reservas da Expoflora, pelos telefones (19) 3802-1499, 8114-9862, 81149783; ou pelo e-mail reservas@ expoflora.com.br. O atendimento é de segunda a sexta-feira, das 9h às 17 horas. Crianças de até cinco

Modelo: Bruna Oliveira Écio Correa Cabelos: Rua Santo Antônio Claret, 390, no Jardim Chapadão

Clovis Cordeiro

Expoflora inicia venda antecipada de ingressos com desconto

Mercado de flores encanta os visitantes da Expoflora

não borrar com a transpiração e, para fixar o glitter, utilize sombra cremosa ou cola de glitter própria para maquiagem”, conforme a dica de Paula. Na área dos olhos foi aplicado um desenho em formato de arabesco a partir de modelo que combina com o carnaval e teve acabamento com aplicação de glitter. O brilho pode ser conseguido com o uso de glitter que dá um efeito luminoso à maquiagem. Todos os produtos usados nessa produção são da Catharine Hill. Para finalizar o visual, um penteado simples, até como um coque ficará bem.

Clovis Cordeiro

Dança típica holandesa

FEVEREIRO 2013 - ANO XIII - Nº 154

PÁG. 08

Lições de um incêndio Se você tem uma dor de cabeça continuada, dor nos rins ou em qualquer outra parte do corpo é preciso tomar providências. É um recado que o corpo envia. A vida também tem sua linguagem: é uma grande mestra. Depois que tudo aconteceu, além da profunda dor e tristeza, resta tirar lições para que fatos semelhantes não aconteçam. Muitos ouviram o testemunho daquele membro do corpo de bombeiros que não conseguiu se expressar por causa de sua emoção: “Eu não deixei minha filha ir nessa festa na boate de Santa Maria. Às vezes é preciso dizer “não”. Agora ela está em casa!”. Não adianta empurrar sempre a responsabilidade e a culpa para outras pessoas. Tudo o que fazemos, de mal ou de bem, tem repercussão nos outros, no corpo social. Os grandes porquês precisam partir de nós mesmos: o que eu fiz, deixei de fazer ou fiz sem refletir e medir as consequências? Por quê? Há uma palavrinha que está sempre presente após um acidente, um conflito, um assalto, uma perda irreparável ou uma separação que poderia ser evitada: “se”. Se algo acontece com você, em seguida o “se” começa a questioná-lo. Da mesma forma quando acontece com o outro ou os outros. Se eu não tivesse bebido demais... Se eu tivesse evitado aquela discussão... Se eu não tivesse usado aquele sputinik... Se eu tivesse proibido a banda de usar lançadores de chama... Se eu tivesse deixado a arma em casa... Mas há outra palavrinha muito mais difícil de usar. Refere-se a todos aqueles que erram, consciente ou inconscientemente, medindo ou não as

consequências: “Errei”. Forte, corajoso, verdadeiro, ser humano de verdade é aquele que reconhece os seus erros. Esse é o primeiro passo para encontrar a paz, buscar uma reparação e se rodear de cuidados e atenção para que o mesmo fato não aconteça. Aí vem a Campanha da Fraternidade da Igreja Católica que vai abordar o tema “Juventude”. É um jeito brasileiro de viver o tempo da Quaresma, tempo propício para a reflexão, para um olhar sobre o mundo jovem, e uma proposta para multiplicar as ações em defesa, formação e preservação dos valores dessa juventude. Ainda há tempo. A Jornada Mundial da Juventude, Rio-2013, vai mostrar como podemos confiar e contar com muitos jovens cheios de vigor e ideal. Acesse www. rio2013.com

Luiz Carlos F. Magalhães, é jornalista, psicopedagogo e pároco da igreja Cristo Rei

JORNAL DO CASTELO  

Versão digital da edição de fevereiro 2013 do JORNAL DO CASTELO