Issuu on Google+

NOVEMBRO 2013 - ANO XIII- Nº 163

07 DE NOVEMBRO - 2013 - ANO XIII - Nº 163

Pedreira do Chapadão começa a ganhar nova configuração para esporte, lazer e cultura

Doces Lembranças: Coisas do Destino Álbum de família

Clovis Cordeiro

Rita de Cassia Marcondes Schreiner e Marcos Antonio Schreiner

Pág. 02

Colégio Básico promove gincana da solidariedade Divulgação

Vista áerea mostra novos caminhos pavimentados e passagem em pontes em alvenaria sobre os espelhos d’água Pág. 03

NUTRIÇÃO

Preparando-se para o verão! Pág. 05

Circo Nacional da China apresenta em Campinas “A Bela Adormecida” Divulgação

COLUNA SOCIAL Os eventos badalados da cidade Pág. 07

Abertura Oficial Gincana Escolar 2013

Leveza e graça nos movimentos da dança

Pág. 02

Pág. 08

DIREITO DO CONSUMIDOR Busca e apreensão de veículos Pág. 08

COMPORTAMENTO Salvos do Aborto Pág. 03

Edição Especial de Natal

06 de dezembro (19) 3241-7727

jornaldocastelo@globo.com

JORNAL DE NOVEMBRO_ 2013.indd 1

06/11/2013 23:37:24


Departamento Comercial: Fone: (19) 3241-7727 jornaldocastelo@globo.com

Redação: jornaldocastelo@globo.com www.jornaldecampinas.com.br

Doces lembranças......Coisas do Destino

Rita de Cassia Marcondes Schreiner e Marcos Antonio Schreiner com as filhas Letícia e Thais

É verdade que a felicidade bate à nossa porta. Que o diga a nossa amiga Rita de Cassia Marcondes. Tudo bem que, no caso dela tinha uma campainha para substituir as batidas na porta. Não importa. O que interessa é o final feliz da história. Os des­ crentes das sincronicidades ofere­ cidas pela vida costumam dizer que essas coisas só acontecem em novelas. Eu prefiro acreditar que quando alguma coisa está marcada para acontecer na sua vida, não adianta fugir. Renda-se ao acaso e saboreie o destino. Esse conto de fadas moder­no aconteceu em janeiro de 1989. Rita morava com os pais, Maria Calzavara e José, na Av. Marechal Rondon, bem próximo ao balão da antiga Telesp, no Jardim Chapadão, quando eles decidiram mudar-se de Campinas. Na verdade, eram duas casas: uma maior, na parte alta, e uma pequena, como uma edícula, só que na parte baixa do terreno. Como Rita não quis acompanha-los decidiu mudar-se para a casa menor e colocaram o imóvel da parte de cima para locação. Há quase 25 anos, numa tranquila tarde de sábado, estava a Rita em sua casa fazendo nada quando o engenheiro elétrico Marcos Antonio Schreiner tocou

a campainha perguntando sobre o imóvel para alugar. Vindo do Sul, ele faria o Mestrado na Unicamp e precisava de um local para viver na cidade com mais cinco engenheiros, todos de Santa Catarina. Com a menor boa vontade que lhe restava naquele preguiçoso dia, pediu que telefonasse para a sua mãe, que era a proprietária e agendasse a visita diretamente com ela. Marcos foi insistente, pois precisava aproveitar o fim de semana para resolver seu proble­ ma de moradia. Até para livrar-se logo do visitante indesejado, Rita decidiu mostrar-lhe a casa.   Marcos gostou do imóvel e o alugou junto com os amigos, mudando-se para lá um mês depois, tempo suficiente para ajeitar a papelada e os móveis. De início Rita não foi muito com a “fachada” do Marcos. Confundiu o seu ar sério com antipatia, e, por isso, também nada fazia para mostrarse a pessoa alegre e divertida que é. Apesar de sempre ariscos um com o outro, precisavam manter a boa convivência. Afinal eram vizinhos e mantinham ali, mesmo que indiretamente, uma importante relação comercial. Já dos outros rapazes Rita tornou-se mais amiga e até foi convidada, em junho, para a festa de um deles que precisou voltar

repentinamente para o Sul para casar-se com a namorada que estava grávida. E foi nesta festa que o gelo entre ela e o Marcos derreteu. Não havia frieza que suportaria o calor de um amor que a vida se encarregava de promover a (re) aproximação. O namoro durou cinco anos até que Rita resolvesse agregar o sobrenome Schreiner ao Marcondes. Em março de 1994, a união foi selada com um lindo casamento na Igreja de Cristo Rei, no Jardim Chapadão. O casal morou ainda por oito meses na casa da Av. Marechal Rondon até que a nova residência, no San Conrado, ficasse pronta. Em novembro de 1997 nasceram as gêmeas Leticia e Thais, agora já com 15 anos. O curioso é que a dona Maria e o seo José, pais da Rita, não se acostumaram a viver longe do Jardim Chapadão e voltaram a morar na casa da Av. Marechal Rondon. Aliás, estão lá até hoje. Dizem os experts nessas coisas de destino que a vida só os tirou de Campinas pelo tempo suficiente para que a Rita, a filha querida, tivesse a oportunidade de encontrar o seu grande amor. Alguma dúvida?

Quanto vale uma ação solidária? Alunos do Colégio Básico entregam alimentos arrecadados em Gincana

Divulgação

Álbum de família

Impressão: Lauda Editora, Consultorias e Comunicações Ltda. NOVEMBRO 2013 - ANO XIII- Nº 163 13.207-684 PÁG. 2 Rua Baronesa do Japi, 53-Centro-Jundiaí-SP-CEP: Tiragem: 7.000

Entusiasmo das três equipes nas atividades da Gincana A Gincana realizada com principal objetivo de integrar profissionais e alunos da Educação Infantil até o 9º ano do Ensino Fundamental: aproximou e ampliou o gosto pelos esportes. Essa ação se expandiu através da arrecadação de alimentos. O empenho na mobilização para ajudar o próximo foi tão grande que três creches puderam se beneficiar: Creche Tia Lea, Creche Mãe Cristina e Associação de Apoio Esperança e Vida. O que evidencia que pontuar não é o mais importante e sim, a solidariedade ao “perceber” o próximo. Diversas atividades esportivas e culturais foram realizadas, proporcionando união, integração, diversão e aprendizagem. (Fotos dessa ação estão postadas na página do facebook do colégio.)/Colégio Básico de Campinas. Equipe do Colégio Básico O Colégio Básico fica na Rua Bartolomeu Lourenço de Gusmão, 69 - Jd.Novo Chapadão, próxi­mo à Pedreira do Chapadão - Telefone (19) 3243-1662 -www.colegiobasico.com.br

Vera Longuini Jornalista e escritora veralonguini@ateliedanoticia.com.br

Tela de Marly Stracieri em em exposição

JORNAL DE NOVEMBRO_ 2013.indd 2

  A artista plástica Marly Stracieri encerrra a temporada 2013 do Espaço das Artes do Ciesp-Campinas, expondo  suas obras durante o período de 5 de novembro a 30 de dezembro, sempre de segunda a sexta, das 8h30 às 17h30. A entrada é gratuita. Natural de Campinas, formada pela PUCC em Artes Plásticas, Marly Stracieri é professora, pedagoga, poeta, ilustradora de livros, organizadora de eventos culturais  e folclorista. Ela fundou o Centro Campineiro de Artes Folclóricas, hoje com 26 anos de existência e vários artistas catalogados neste

Divulgação

Divulgação

Espaço das Artes encerra 2013 com Marly Stracieri

Solidariedade em atos: Creche Tia Lea recebe parte das doações espaço cultural. Marly pertence a Academia Campinas de Letras e Artes, da AFPESP e Academia Campineira de Ciências, Letras e Artes das Forças Armadas. Ela também é diretora do Centro de Poesia e  Arte  de Campinas e curadora da Galeria Lellio Coluccini da Academia Campinense de Letras. O Espaço das Artes fica na sede da entidade, na Rua Padre Camargo Lacerda, 37 - bairro Bonfim, em Campinas. Fone (19) 3743-2200.

06/11/2013 23:37:26


ESPECIAL

COMPORTAMENTO SALVOS DO ABORTO

Numa pequena cidade do Chile, perto de Valdívia, havia um casal que levava um vida simples como todos os trabalha­ dores da região: Humberto Lizama e Rosa Silva. Fazendo o seu trabalho de paramédica, Rosa se expunha constantemente aos raios-X, acompanhando os doentes do hospital. Um dia, depois de acompanhar um enfermo, des­ cobriu que estava grávida. Sempre cuidadosa, procurou um médico para fazer ecografia. O médico lhe advertiu que via “algo estranho” naquele exame. Dissse que “o bebê vinha com três braços e os pés estavam um pouco enredados; além disso, “tinha duas cabeças”. Disse ain­ da o médico que sua vida corria perigo em uma gestação tão estranha. Por isso, o melhor era fazer um aborto. É claro que a mulher não aceitou, pois, estava disposta a receber “o que Deus lhe mandasse”. Sempre disse para os outros que “somente o Senhor é o dono da vida”. Os meses foram passando, a gestação evoluindo, e ela descobriur que Deus não lhe enviara um bebê com má formação, mas filhos gêmeos. Nasceram em 10 de setembro de 1984. O parto não foi fácil. Primeiro nasceu Felipe e, como a placenta não saía, os médicos sugeriram à mãe realizar uma raspagem, mas ela não aceitou porque ela sentia que o outro bebê estava por vir. Paulo nasceu 17 minutos depois. Alguns médicos erram, outros acertam. Mais tarde, Paulo dizia: “Os médicos introduziram uns utensílios para retirar a placenta que demorava a sair. Minha mãe sabia que eu estava ali. Demorei, mas saí. Se fizessem a raspagem, o mais provável é que teriam me prejudicado gravemente”. Os gêmeos conheceram a história do seu nascimento quando cursavam o sexto ano do Seminário. Eles ficaram feli­ zes e agradecidos à mãe por sua fé e por conhecerem sua história

num momento muito oportuno. “O ‘sim’ dessa mãe, dizem os filhos, gerou a vocação para o sacerdócio. Como não defen­ der a vida? Como não pregar o Deus da vida? Este aconte­ cimento potencializou a minha vocação... Estou convencido do que acredito, do que sou e do que falo, claramente por graça de Deus”, acrescentou. Os gêmeos foram ordenados diáconos em setembro de 2011 e, em 28 de abril de 2012, foram ordenados sacerdotes pelo bispo de Valparaíso, Dom Gonzalo Duarte García. Nesse mesmo dia, os gêmeos celebraram sua primeira Missa juntos, em sua paróquia de origem, Nossa Se­ nhor das Mercedes, em Lagunillas, Chile. “Deus não brinca conosco, diz Padre Felipe. Quer que sejamos felizes e o sacerdócio é uma vocação bela e nos faz plenamente felizes”. “Jesus, a Igreja e o Mundo precisam de nós, diz Padre Paulo. Mas, não necessitam de qualquer jovem: mas jovens cheios da verdade de Deus, de modo que sua vida mesma transpareça vida, o sorriso mostre esperança, o olhar mostre fé e suas ações mostrem amor”.

Luiz Carlos F. Magalhães, é jornalista, psicopedagogo e pároco da igreja Cristo Rei

rando os 40 anos da Criação da Paróquia, e dia 1º de dezembro o Jubileu de Ouro do Pároco, Côn. Luiz Carlos F. Magalhães. No final de outubro, os corais Pio XI, fundado em 6 de janeiro de 1948, o coral mais antigo em atividade em Campinas, contando desde o início com a regência do Maestro Oswaldo Urban, e o coral Vozes Amigas animaram a missa, sob a batuta do maestro Urban, que apresentou até uma Cantata composta especialmente para home­ nagem ao cônego Magalhães, pelos 50 anos dedicados ao sacerdócio. O cônego Luiz Carlos da Fonseca Magalhães –padre Maga –, completou, no último dia 2 de novembro, 11 anos como pároco da Cristo Rei.

Clovis Cordeiro

O padre Magalhães e o maestro Urban, de 90 anos, que prepa­rou uma Cantata em homenagem ao Jubileu de Ouro Sa­cerdotal do pároco da Cristo Rei

JORNAL DE NOVEMBRO_ 2013.indd 3

Pedreira do Chapadão começa a ganhar novo visual Clovis Cordeiro

Quadra poliesportiva está quase pronta As obras realizadas na Pedreira do Chapadão já começam a dar uma nova cara ao espaço que ficou praticamente abandonado por alguns anos. Quase todo o caminho que vai permitir aos frequentadores andar pela área sem pisar na terra, ou barro, após dias de chuva, está pavimentado. A quadra poliesportiva está praticamente pronta, faltando apenas a pintura e a instalação da tabela com a cesta para basquete. As colunas para os dois quiosques também estão prontas, restando as coberturas. Funcionários da Prefeitura, que aumentaram o ritmo nos últimos dias, fizeram o plantio de quase toda grama nos barrancos e as duas pontes, que passam sobre os espelhos d’água (lago) foram feitas em alvenaria, substituindo as de madeira que apodreceram. A tubulação para implantar a iluminação está pronta. Os fios e

a instalação das luminárias serão feitas na próxima etapa. Na área ainda serão reconstruídos um play ground, um espaço para aulas de um circoescola, uma pequena praça de alimentação , serão instalados equipamentos para academia de ginástica ao ar livre, nos mesmos moldes das que já foram montadas em outras praças de Campinas. De acordo com o planejamento da secretaria de Serviços Públicos, todo o trabalho de revitalização da Pedreira do Chapadão deverá estar concluído em dezembro, antes do Natal. Mesmo em meio às o­bras, já é possível observar um maior número de frequentadores adultos, pessoas da terceira idade e crianças, acompanhadas dos pais, que usam o espaço para caminhada e andar de bicicleta.

Clovis Cordeiro

Cristo Rei comemora o mês do Padroeiro, 40 anos de fundação e Jubileu de Ouro Sacerdotal do padre Magalhães As atividades para comemoração pelos 40 anos de fundação da Paróquia Cristo Rei, no Jardim Chapadão, e pelo Jubileu de Ouro Sacerdotal do cônego Luiz Carlos da Fonseca Magalhães devem se estender podo todo o mês de novembro, mês do Padroeiro. O padre Magalhães destaca que “A melhor comemoração é a experiência da Missão que já está sendo feita, aproveitando a visita da I­magem de Nossa Senhora das Di­ vinas Vocações à Comunidade. Durante o mês, a imagem deverá visitar outros condomínios, prédios e quarteirões do bairro, atendendo ao pedido e exemplo do Papa Francisco. No dia 23 de novembro acontecerá a Missa Solene comemo-

NOVEMBRO 2013 - ANO XIII - Nº 163 PÁG. 03

Trabalhadores fazem limpeza e o plantio de grama na área mais próxima à Avenida Marechal Rondon

Correios lança Campanha Papai Noel Desde um pa­netone, uma blusa de frio ou uma cesta básica para avó até vídeo game estão entre os pedidos enviados por cartas pelas crianças e que compõem a Campanha Papai Noel dos Correios 2013. O lançamento nacional do projeto aconteceu em 05 de novembro. No interior, a ação começa oficialmente no próximo dia 12 de novembro, terça-feira. Rea­ lizada há 24 anos, a campanha tem como principal objetivo responder às cartas das crianças que escrevem ao Papai Noel e, sempre que possí­ vel, atender aos pedidos de presentes daquelas que se encontram em situação de vulnerabilidade social. As cartinhas para o projeto serão recebidas até o dia 6 de dezembro e os padrinhos - aqueles que adotam as cartinhas, providenciando os presentes solicitados pelas crianças, têm até o dia 13 de dezembro para adotá-las e entregarem os presentes nas agências. Serão aceitas cartas manuscritas de crianças até 10 anos com pedidos preferencialmente de brinquedos. A adoção de cartas da campanha é feita da seguinte maneira: as cartas enviadas pelas crianças são lidas e selecionadas. Em seguida, são disponibilizadas para adoção na casa do Papai Noel ou em outras unidades da empresa. Em Campinas, podem ser retiradas pessoalmente na agência Central (Av. Francisco Glicério, 889-Centro), que fica responsável pela entrega dos presentes. Informações podem ser obtidas na página http://www. correios.com.br/papainoelcorreios2013 ou pelo 0800 725 7282 .

Papai Noel lê cartinhas das crianças carentes

(Foto: Assessoria de Comunicação dos Correios -DR/SPI)

06/11/2013 23:37:28


VARIEDADE/GASTRONOMIA

NOVEMBRO 2013 - ANO XIII - Nº 163 PÁG. 04

Estão abertas as inscrições para a Corrida 5 Milhas Divulgação

Largada da edição anterior com grande adesão Já estão abertas as inscrições para a tradicional Corrida 5 Milhas de Joaquim Egídio, que ocorre dia 08 de dezembro, às 8h, por iniciativa da Paioça do Caboclo e A Academia e com organização da Noblu Sports. Pelo terceiro ano consecutivo, a corrida terá como ponto de partida e chegada a Paioça do Caboclo, localizada na rodovia Estrada das Cabras, km 5,5 – Joaquim Egídio, onde os participantes serão recebidos com um café da manhã especial, assinado pelo Supermercados Dalben. A expectativa dos organizadores é reunir cerca de 600 atletas.

As inscrições custam R$ 70,00, dando direito a um kit com um número de identificação, camiseta em poliamida, brindes promocionais e um chip de cronometragem. As inscrições poderão ser feitas até o dia 02 de dezembro pelos sites www.noblu.com.br ou www.ativo.com, e também na Paioça do Caboclo, na A Academia (unidades Gramado e Chácara da Barra), na Noblu ou no Restaurante Fogão Mineiro (unidade Sousas). A retirada dos kits será realizada na semana que antecede o evento. Mais informações: (19) 3298-6442.

Outback lança promoção SteakNife Divulgação

New York Strip Steak com batata recheada O Outback Steakhouse inicia a promoção SteakNife, que ofe­ rece aos clientes a chance de levar para a casa a famosa faca da rede. Para ganhar, basta o consumidor pedir o combo da promoção, composto por uma salada El Ranchito, um New York Strip Steak de 325g e um acompanhamento, por R$ 49,90. A promoção é válida até 19 de novembro, de quarta a domingo, nas unidades Shopping Iguatemi e Parque Dom Pedro Shopping, em Campinas.   Orly

inicia produção de panetones

Há menos de dois meses para o Natal, os tradicionais panetones começam a entrar na linha de produtos em destaque nas pada­ rias. Na Orly Panificadora, no Centro da cidade, a produção da iguaria já teve início, com uma média semanal de 160 unidades. A previsão da direção da pada­ ria é vender duas mil unidades até o final do ano, sendo que, para dezembro, a expectativa é comercializar 800 panetones. A Orly Panificadora aposta, este ano, nos tradicionais panetones de frutas cristalizadas e chocotones, que são os sabores mais procurados pelos clientes. Os de frutas serão vendidos em dois tamanhos: 500g e 80g, ao preço R$ 8,90 e R$ 3,00, respectivamente. Já os chocotones, estarão à venda ao preço de R$ 12,00 (de 500g) e R$ 4,00 (de 80g). Grandes quantidades poderão ser encomendadas pelo telefone (19) 3234-2349.

JORNAL DE NOVEMBRO_ 2013.indd 4

Salada El Ranchito

Próxima edição

06 de dezembro (19) 3241-7727

06/11/2013 23:37:30


RESTAURANTES/NUTRIÇÃO

NOVEMBRO 2013 - ANO XIII- Nº 163

PÁG. 05

Preparando-se para um ótimo verão!

Olá leitores e leitoras do Jornal do Castelo! Estamos nós, novamente nos preparando para o verão, ou melhor, já sentindo os efeitos do calor desse verão!       O que não podemos economizar nessa época, é a hidratação. A água é essencial para a digestão, absorção (transporta nutrientes), excreção e mantém a temperatura corporal. Um adulto pode viver até 10 dias sem água, as crianças até 5 dias e, sem alimentos, podemos viver várias semanas. A sede é estimulada quando a quantidade de água no meio extracelular diminui ou quando a água ou o sangue se tornam muito concentrados, já sendo um sinal de desidratação. Por isso, não espere a sede aparecer para tomar líquidos!   Aproveitando o momento da hidratação podemos reduzir as calorias ingeridas e ajudar naquele tão esperado e desejado controle ou perda de peso. Todos os alimentos, independente de estarem em forma líquida ou sólida, contribuem de alguma maneira para fornecer água ao organismo. Especialmente àqueles com baixa densidade calórica, ou seja, menor quantidade de calorias ou energia, que são alimentos mais ricos em água. Nas verduras de folha e em alguns legumes, mais de 90% do seu peso é dado pela água presente nos seus compartimentos celulares. Algumas frutas também chegam a ter mais de 90% do seu peso em água. Ao contrário, alimentos secos como bolachas têm apenas 4% de água. Então, aproveite para se refrescar, se desintoxicar e se hidratar com verduras (alface, espinafre), legumes (chuchu, tomate, berinjela, pepino, cenoura) e frutas (morango, abacaxi, melancia, melão, água de coco). Além da preocupação estética em relação a essa estação do ano, quando utilizamos poucas roupas, aproveitamos o horário de verão para economizarmos energia. Aproveite então o final do dia em que o tempo ainda está claro para praticar atividade física! Não precisa ir para academia malhar horas, basta ir a uma praça

JORNAL DE NOVEMBRO_ 2013.indd 5

de bairro, parquinho com as cria­ nças, aproveitar para conhecer locais públicos como parques e zoológicos. Nunca se esquecendo, é claro, de carregar uma garrafa de água e utilizar roupas adequadas (não usar roupas quentes e que não deixam ocorrer a evaporação do suor, pois a temperatura do organismo pode subir muito causando problemas no Sistema Nervoso). Procurar ingerir água antes, durante e depois do exercício físico, na quantidade adequada. Para indivíduos que praticam mais de 1 hora de exercício físico intenso, como corrida e ciclismo, é necessário o uso de bebidas isotônicas. E, naquele happy hour no final da tarde procure evitar bebidas alcoólicas, pois desidratam, por serem diuréticas (aumentam a perda de líquidos e sais pela urina). Se consumir, de prefe­ rência for maior de idade e não sendo o motorista da vez, intercale a bebida alcoólica com um copo de água. Assim como a bebida alcoólica, o  uso excessivo e co­ nstante de café e outras bebidas ou produtos que contenham cafeína (como o guaraná em pó) também levam a uma maior perda de água. Previna-se: pegue sua garrafa de água, movimente-se e aproveite o verão hidratado e com saúde!

Regina Esteves Jordão CRN3 – 13437 Nutricionista regina_nutri@yahoo.com.br

06/11/2013 23:37:33


GUIA DE SAÚDE, COMPRAS E SERVIÇOS

O Fino da Música Instrumental no Brasil chega a Campinas O fino da música está no X Festival Brasil Instrumental que acontece em Campinas, de 13 a 20 de novembro, com shows e debates que prometem movimentar o circuito cultural da cidade. Arrigo Barnabé, Benjamin Taubkin, Toninho Ferragutti, Paulo Freire Trio, Lupa Santiago e Paulo Braga, entre outros mestres dos sopros, das cordas e da percussão também estarão em contato com o público nos shows e debates. A Unicamp (Adunicamp, Ciclo Básico II, Auditório da FCM), o bar Almanaque Café e a Lagoa do Taquaral serão palcos da maratona. O Festival foi criado pelos músicos Paulo Flores e Paulo Braga, no Conservatório de Tatuí, com a proposta de promover o encontro entre a MPB instrumental tradicional e contemporânea. Depois de uma década de shows e intercâmbios envolvendo instrumentistas de todo o país, o festival deixa seu berço para se tornar itinerante, como forma de valorizar a produção musical de outras regiões paulistas e aproximar uma maior fatia da população com o gênero.

Edição Especial de Natal 06 de dezembro (19) 3241-7727

Brasil Instrumental De 13 a 20 de novembro/2013-  Unicamp Shows com entrada franca Almanaque Café Endereço: Av. Albino José Barbosa de Oliveira, 1240. Barão Geraldo, Campinas. Telefone (19) 3249.0014. Couvert de R$ 20 e R$ 30. Informações no www.almanaquecafe.com.br  Lagoa do Taquaral Dia 20 – Concha Acústica 11h – Jazz Combo de Tatuí com o show Coisas Moacir Santos Entrada franca  Debates Local: Adunicamp (Unicamp) Dia 13, 15h Paulo Freire Dia 14, 15h Toninho Ferragutti e Neymar Dias Dia 17, 15h Arrigo Barnabé Dia 18, 15h Lupa Santiago Dia 19, 15h Benjamin Taubkin Entrada franca  

HORÓSCOPO ÁRIES - 21/03 a 20/04: ÁRIES A partir desse mês os fluxos astrais estarão favorecendo o seu signo. Portanto, terá bastante favorabilidade no trabalho e será bem sucedido ao solicitar favores. Excelente saúde. Você poderá resolver muitos de seus problemas, através de ideias novas. TOURO - 21/04 a 20/05: Fase que terá, certamente, algumas perturbações. Inclusive o cônjuge estará descontente com você. Tome cuidado se realizar negócios e se lidar com fogo e eletricidade. Momento favorável para jogos.

LIBRA - 23/09 a 22/10: Início de um novo ciclo anual na sua vida. Plena vitalidade física e confiança em si mesmo. Período favorável para desenvolver atividades que digam res­peito as suas motivações mais profundas.

SAGITÁRIO - 22/11 a 21/12: As associações e sociedades de cunho afetivo ou comercial, estarão muito estimuladas. Poderá haver uma proposta de casamento, se você for solteiro. No mínimo, ocorrerá a necessidade de unir-se a pessoas para que você próprio possa viver melhor e se torne mais forte.

CÂNCER - 21/06 a 21/07: O período indica êxito em questões financeiras e em tudo que está relacionado com o seu progresso. Pode solicitar a colaboração alheia, que será prontamente atendido. Êxito amoroso e boa saúde.

CAPRICÓRNIO - 22/12 a 20/01: Momento de alegria e de í­ntima realização no amor. Possibilidade de concretizar um relacionamento amoroso há muito esperado. Mais coragem na maneira de ser com as pessoas.

LEÃO - 22/07 a 22/08: Período favorável para se reencontrar com os amigos, com familiares e com a pessoa amada. O sucesso profissional, bem como as novas empresas e empreendimentos será

AQUÁRIO - 21/01 a 19/02: Estímulo forte e benéfico para o amor e as relações sociais. Maior facilidade para encantar as pessoas e para se encantar com elas. Novas amizades poderão se iniciar. O otimismo poderá levar problemas nos assuntos.

VIRGEM - 22/08 a 21/09: Bom fluxo astral para as transações relacionadas com terras, propriedades, mudanças e a compra e venda de metais, joias e pedras preciosas. Contudo não descuide de seus familiares e seja mais arrojado.

PEIXES - 20/02 a 20/03: Possibilidade de iniciar viagens longas e de manter contato com novos meios culturais e de conhecimento. Abertura dos horizontes mentais através de experiências práticas. Tendência a usar a agressividade.

JORNAL DE NOVEMBRO_ 2013.indd 6

Por que economizar afeto? (Parte 21)

Certa vez, li em algum lugar: “Muitos de nós, só aceitamos nos desapegar (separar) de alguém, quando sentimos ter recebido tudo que gostaríamos por meio desta pessoa”. Ou seja, só nos desapegamos do que e/ou daquilo que estamos plenamente satisfeitos. Concordam? Preconizo que é mais fácil nos separarmos daqueles que sentimos amar e por quem nos sentimos amados, pois, desta forma, preenchidos de amor em nosso interior, não vivenciamos a separação como uma perda de nossa capacidade de amar e dar afeto. Desapego, neste sentido, significa estarmos satisfeitos e nutridos de amor espiritual. No entanto, em geral, temos dificuldade de entrar em contato com esta forma de satisfação, porque nos concentramos mais no que ainda gostaríamos de receber, do que no reconhecimento do prazer (muitas vezes imediato) já recebido. Por isso, apesar da satisfação não surgir através da análise racional de um fato, mas, sim, da experiência genuína de um sentimento, muitas vezes temos que recorrer à análise mental para despertarmos a força curativa do sentimento em nossa psique. Quando somos verdadeiramente tocados por essa forma ele­ vada de amor, desejamos que a pessoa amada seja realmente feliz: com ou sem a nossa presença... No entanto, em geral, nosso amor é mais emocional que espiritual: amamos muito e, na maioria das vezes, na carência, nos alimentamos do sentimento de que amar é sentir necessidade de outra pessoa. É comum pensarmos que a outra pessoa irá reconhecer que nos ama somente se nos afastarmos

e a fizermos sentir nossa falta, ou seja, que só seremos valorizados na ausência. Ao contrário do que se pensa, porém para mim, amar de verdade é não sentir falta! Explico... Quanto mais soubermos reco­ nhecer nossa capacidade de amar, menos dependentes estaremos da presença física da pessoa amada. A prova que esta premissa é verdadeira está no fato de que continua­ mos a amar alguém mesmo após sua morte, certo? Preconizo, também, que a dinâmica do amor de verdade continua em nosso interior indefinidamente; continuamos a nos dedicar à pessoa amada mesmo depois que ela já se foi. Rezamos por ela, e muitas vezes passamos a nos dedicar a finalizar seus projetos e realizar seus desejos. Vejo isso muito depois de anos de clínica, que a sua aceitação das pessoas diante da terminalidade da perda

Vinicius D´Ottaviano Ph. M. - Psicologia Clínica viniciuspsique@hotmail.com

“Todos os dias, sob todos os pontos de vista, vou cada vez melhor”

ESCORPIÃO - 23/10 a 21/11: No trabalho, maior habilidade diplomática, senso estético e criatividade, trazendo grande progresso material. Possibilidade de surgimento de sentimentos de desconfiança em relação a seus novos sócios.

GÊMEOS - 21/05 a 20/06: Boas relações com parentes, vizinhos e amigos, poderão ser esperadas agora. Pode solicitar favores e colocar em prática suas novas ideias. Êxito profissional e financeiro. Chances na loteria e nos sorteios.

evidente.

NOVEMBRO 2013 - ANO XIII - Nº 163 PÁG. 06

06/11/2013 23:37:34


V

A

R

I

E

SOCIAL

D

A

D

E

S

NOVEMBRO 2013 - ANO XIIIXIII -Nº Nº163 163

PÁG. 07 PÁG. 07

Divulgação

“ Somos o que repetidamente fazemos. A excelência portanto não é um feito, sim um hábito.» Aristóteles Neusa Leoncini

Clovis Cordeiro

Viver Bem O envelhecimento sadio e a prevenção dos males inerentes à idade foram a tônica da 4ª Semana da Saúde da Hípica. Com as palestras do global Zeca Camargo, de profissionais da área de saúde e de um sábado com inúmeras atrações, iniciado com uma caminhada, o evento mobilizou centenas de associados interessados em manter e/ou buscar a melhoria da qualidade de vida. Sabor em dobro!  Às terças-feiras, no Romana Bistrô e Creperia, o segundo crepe é por conta do chef. Com a combinação de elementos da tradicional culinária francesa os chefs Eduardo Nobre e Pedro Scanferla trouxeram para o Romana Bistrô & Creperia, em Campinas, um pedaço da França traduzido nas páginas de seu cardápio.   kart beneficente Evento Kart Solidário ocorre no dia 10 de novembro, no Kartódromo Internacional Nova Odessa, com renda revertida para a entidade assistencial de Campinas, Creche Bento Quirino. Incentivando Curtição trocada não dói... Então, basta um clique e curte a https:// www.facebook.com/FanpageNeusaLeoncini. Assim aumenta o prestígio do recado diário... Diploma Vinícius Sampaio D’Ottaviano recebe o “Diploma de Mérito Cultural”, em cerimônia no Plenário “José Maria Matosinho” da Câmara Municipal de Campinas, neste dia 08 de novembro, às 20:00h. Psicólogo, advogado, jornalista, fotógrafo, doutorando também em Filosofia, Vinícius ainda é multicultural, atua há 38 anos no cenário artístico da cidade como cantor, ator teatral e dançarino.

SAÚDE: José Abrahão Jr., Francisco Mais, Zeca Camargo, Pedro Pupo Nogueira e Rafael Simionatto Clovis Cordeiro

PREMIAÇÃO: Luiz Antônio dos Santos, Carla Andrade, Luiz Nunes, Inês Chain e Carla Chain, na festa de premiação na Central de Outdoor realizada na Vert Eventos Clovis Cordeiro

Exposição

Tom Duncan, presidente CEO da Positec Tool Corporation, o piloto Nelsinho Piquet e Rafael Oliveira, diretor da Positec Brasil, em inauguração da Worx no Parque Dom Pedro Shopping Clovis Cordeiro

Viviane Procópio, Radamés Bruno e Caio Arbex prestigiam a noite de premiação da Central de Outdoor

JORNAL DE NOVEMBRO_ 2013.indd 7

As obras da artista plástica Karla Bratfisch estão de volta ao Brasil. Agora fazem sua estréia em Campinas na Sala Carlos Gomes da Livraria Saraiva do Shopping Center Iguatemi, durante todo o mês de novembro. Aos 21 anos de idade, Karla Bratfisch pinta profissionalmente há quatro. Desde a sua primeira coleção --“Pop Art” --, ela não parou mais de criar. Durante esses anos, produziu diferentes séries que foram expostas no Brasil e no exterior. Suas criações sempre vivas e intensas, já puderam ser apreciadas no Museu do Louvre em Paris (França); na Bienal da Arte, em Portugal; na Ward-Nasse Art Gallery, em Nova York; na Exposição Coletiva do Salon 2011 Art Lausanne, na Suíça; e na The Brick Lane Gallery, na Inglaterra.

ARTE E GASTRONOMIA: Fernando Gurgel, Regina Kreft Gurgel, Otávio Carpegiane, Camila e Fabiana Kreft Gurgel, durante o evento “Segunda com Art e Quitutes”, no Espaço Gastronômico Cultural do restaurante Panela de Barro

Exposição “Pink Obsession” Quando: 1 a 23 de novembro/2013 Local: Sala Carlos Gomes –Livraria Saraiva Shopping Iguatemi Campinas Endereço: Av. Iguatemi, 777 - Vila Brandina - Campinas/SP (19) 3252-0223 Horário: de segunda a sábado das 10h às 22h, aos domingos e feriados das 14h às 22h-Entrada Franca Informações pelo telefone: (11) 4894-8001 www.karlabrat.com.br https://www.facebook.com/ArtistaPlasticaKarlaBratfisch

06/11/2013 23:37:37


VARIEDADE Circo Nacional da China apresenta o espetáculo “A Bela Adormecida” Clóvis Cordeiro

Acrobacias com alto grau de sincronismo Os mistérios e o encantamento do novo espetáculo circense de um dos grupos mais premiados do mundo poderão ser vistos de perto pelos campineiros. A nova turnê do Circo Nacional da China magia de “A Bela Adormecida” percorre as principais cidades brasileiras e estará em Campinas no fim de semana prolongado da Proclamação da República, com apresentações nos dias 15, 16 e 17 de novembro, no Ginásio do Tênis Clube. A coordenação é da ArtBhz e BR Produtora.  O espetáculo gira em torno do tema lúdico “A Bela Adormecida”, acompanhando uma tendência mundial de valorizar a natureza. As atrações aliam dança, movimentos acrobáticos, sonoridade percussiva e efeitos visuais. Com mais de 50 anos de trajetória, os integrantes do circo fazem um trabalho impecável. O elenco passa, em média, dez anos se preparando para a estreia como integrante do grupo. E, não são ape-

nas os acrobatas, bailarinos e contorcionistas que fazem um trabalho perfeito. O cenário também é fruto de incansável preparação. Toneladas de equipamentos acompanham a trupe na apresentação no Brasil.   Circo Nacional da China - Turnê Brasil - Ginásio do Tênis Clube de Campinas – Rua Cel. Quirino, 1346 - Cambuí Dias: 15, 16 e 17 de novembro Sexta -  20h30, sábado – 21h; domingo – 17h Entrada: 1º Lote - Cadeiras (centro e laterais):  R$ 100,00 (inteira) e R$ 50 (meia) Arquibancada R$ 80,00 (inteira) e 40,00 (meia) comprando até 10 de novembro, 2º Lote - Cadeiras (centro e laterais:  R$ 120,00 e R$ 60,00 e Arquibancada R$ 90,00 e R$ 45,00 Campinforma 2122-2444  Venda pela internet: Ingresso Rápido (www.ingressorapido.com. br) Fone: 4003-1212

Fórmula & Cia mantém crescimento e investe em tecnologia Clóvis Cordeiro

Profissional manipula fórmula com equipamentos de precisão

  A Fórmula & Cia Manipulação e Drogaria, de Campinas implantou o programa de visitas “ Por Dentro da Fórmula”, com o objetivo de receber formadores de opinião, para conhecerem os seus cinco laboratórios e os processos de formulação de medicamentos. Essas visitas são monitoradas e têm o acompanhamento da diretora técnica e farmacêutica da Fórmula, Márcia Piva Cano e do diretor proprietário, Marcos Ebert.  A produção da empresa chega a média de 5,4 mil produtos manipulados por mês, entre medicamentos e cosméticos. O seu diretor-proprietário, Marcos Ebert, prevê  um crescimento de 5%  no faturamento em 2013, como resultado dos investimentos realizados na modernização dos cinco laboratórios nas duas unidades da Fórmula, aumentando a capacidade de produção de cápsulas, soluções orais e  fórmulas dermatológicas e cosméticos. Em 2013, o faturamento da Fórmula deve chegar a R$ 3,5 milhões. No ano passado o faturamento foi de R$ 3,3

JORNAL DE NOVEMBRO_ 2013.indd 8

milhões. Nos últimos dois anos foram investidos R$ 160 mil nos laboratórios e modernização da central telefônica. A empresa conta com 60 colaboradores e cinco profissionais farmacêuticos. Marcos  Ebert avalia que aliado aos investimentos realizados pela Fórmula nos seus cinco laboratórios e na qualidade no atendimento, a ampliação das possibilidades oferecidas na manipulação de medicamentos, bem como a internacionalização do segmento, têm contribuído para que a empresa amplie a sua atuação. “A manipulação de medicamentos em dosagens personalizadas tem crescido em todo o mundo e isso também tem se refletido no Brasil, onde as farmácias de manipulação, com a utilização de equipamentos mais modernos, aumentam a sua presença”, explica Ebert. O diretor cita também a legislação específica e a fiscalização mais rigorosa  sobre a atuação das farmácias de manipulação como também responsáveis pelo aumento da confiabilidade e da qualidade dos serviços oferecidos à população.  

DIREITO DO CONSUMIDOR Busca e apreensão de veículos A estabilidade econômica, a melhora do poder aquisitivo e o crédito fácil fazem que cada vez mais consumidores comprem seu veículo por meio de financiamento. Contudo, por se tratar de um contrato de longa duração, comumente ocorrem situações imprevistas, levando a pessoa que contraiu o financiamento a não mais realizar o pagamento das parcelas. Acontece que nestas espécies de financiamento o próprio automóvel fica atrelado ao contrato, funcionando como garantia para eventual não pagamento da dívida. Deste modo, o não pagamento da dívida cria para a financeira o direito de tomar o veículo do indivíduo devedor como forma de obter o pagamento do saldo remanescente. O primeiro ato da instituição financeira consiste na expedição de notificação extrajudicial, por meio da qual comunica oficialmente ao devedor seu atraso e estabelece um curto prazo para o pagamento das parcelas vencidas. Não ocorrendo o pagamento, o passo seguinte da instituição financeira será o ajuizamento da ação de busca e apreensão, por meio da qual solicita a um juiz de direito que determine a entrega do automóvel ao banco. Caso o pedido seja deferido, será expedido um mandado de busca e apreensão, cujo cumprimento ficará a cargo de um oficial de justiça. Ao receber o mandado, o devedor poderá pagar em cinco dias a dívida em aberto, bem como se defender no prazo de quinze dias, por intermédio de advogado. Nada impede, porém, que as duas atitudes sejam tomadas: o pagamento e a apresentação da defesa. A ausência de defesa faz com que o juiz presuma que todas as afirmações feitas pela instituição financeira sejam verdadeiras. Por isso, é imprescindível a imediata consulta a advogado para a defesa assim que o mandado de busca e apreensão for recebido. Até porque, na ação de busca e apreensão movida pela instituição financeira, é permitido ao devedor discutir a ilegalidade ou a abusi­

vidade das cláusulas contratuais. Com a retomada do veículo a instituição financeira poderá vendê-lo diretamente a outra pessoa ou enviá-lo a leilão. O valor que superar o saldo devedor deverá ser devolvido ao devedor. De modo contrário, se o montante adquirido com a venda do automó­ vel não for suficiente para saldar a dívida (vencida e a vencer), a instituição financeira continua sendo credora do saldo restante. A instituição financeira tem direito ainda a abater do valor obtido com a venda do veículo os encargos administrativos e honorários do advogado e do leiloeiro. Caso o valor requerido seja abusivo, não correspondendo com os gastos da instituição na contratação de profissionais para a realização da cobrança, o devedor poderá im­pu­ gná-los judicialmente. Portanto, não mais conseguindo quitar as parcelas, melhor caminho para o comprador de veículo por meio de financiamento é procurar a instituição que lhe fez o empréstimo e renegociar a dívida (aumentando-se o número de meses, diminui-se o valor de cada parcela). Há empresas que ofere­ cem alguns meses de carência no pagamento e outras que aceitam receber o veículo (dependendo do modelo, do estado de conservação e do número de parcelas pagas) como quitação da dívida.

NOVEMBRO 2013 - ANO XIII - Nº 163

PÁG. 08

Suely Kardosh lança “Ideias que Cantam em Mim” Clóvis Cordeiro

Su Kardosh em noite de autógrafo em Barão Geraldo A psicoterapeuta e escritora Su Kardosh recebeu um grupo de amigos para o lançamento do li­vro “Ideias que cantam em mim”, no Café Arte, localizado na Praça do Coco, em Barão Geraldo, Campinas. A obra conquista os leitores com uma narrativa leve, baseada em músicas que tocam a autora, modificam o modo de o­lhar a vida e, principalmente, ensinam a lidar com as dificuldades de comunicação nos relacionamentos interpessoais. Su Kardosh tem 35 anos de experiência em psicologia clínica, com atuação em diagnóstico e conflitos corporativos, e faz também terapia familiar. O livro traça um verdadeiro

roteiro das dificuldades que as pessoas têm de conviver e se comunicar: consigo e com os outros, seja na vida profissional ou relacionamentos pessoais. Su Kardosh é hoje reconhecida como uma das profissionais com alta capacidade de estimular as pessoas para o caminho do autoconhecimento, tanto que tem sido cada vez mais chamada por empresas e famílias, casais e pessoas que querem ser mais felizes, saudáveis e também fazer o bem. Rico em ilustrações, letras de música e poesia, o livro “I­deias que Cantam em Mim” pode ser encontrado nas livrarias ao preço sugerido de R$ 35,00.

Bruno Paes Leme Cordeiro - Advogado e procurador do Município de São Paulo

Nipo recebe Exposição de Orquídeas A Associação Campineira de Orquidófilos (ACO) rea­ liza, de 22 a 24 de novembro de 2013, a sua Exposição Nacional de Orquídeas. Dia 22, sexta, acontece a abertura para convidados. Dias 23 e 24, o evento é aberto ao público em geral, das 9 às 17h, no Instituto Cultural Nipo-Brasileiro de Campinas, à rua Camargo Paes, 118, Jardim Guanabara. Participam da exposição aproximadamente 30 associações de cidades da região e de outros estados. A entrada é gratuita e estima-se um público de vinte mil visitantes nos três dias do evento. Fundada em 1997, a ACO é associada da Coordenadoria das Associações Orquidófilas do Brasil (CAOB), órgão que congrega as principais associações nacionais, define o calendário e coordena as exposições.

06/11/2013 23:37:40


Jornal do Castelo- Novembro 2013