Page 1

Paracatu e Unaí, sexta-feira, 4 de abril de 2014

Edição 199 Semanal N° páginas: 8 R$ 1,00

Foto: Tiago Manique/JD

O novo Presidente

ENTREVISTA Confira entrevista com o presidente eleito da Coopervap

Página 2

COOPERVAP Página 4

Veja os cinco ganhadores da promoção 50 anos da Coopervap

Página 5

RELIGIÃO Igreja Nossa Senhora do Rosário está sendo restaurada e será reinaugurada este final de semana

Página 8


2| GERAL

Sexta-feira | 4 de abril de 2014

“Eu não tenho tempo para sentir mágoas e ressentimentos” Texto: Nicaela Costa/JD e foto: Paracatu.net e Thiago Keller/JD

- Em uma eleição que foi tensa, desde o início da campanha, até a data do pleito eleitoral, o ex-presidente da Coopervap e ex-prefeito de Paracatu, Vasco Praça Filho, Vasquinho, retorna à presidência de uma das mais conceituadas cooperativas do Brasil. No sábado (29) no Parque de Exposições, segundo Emiliano Pereira Botelho, quase 1.000 cooperados foram às urnas para eleger o novo presidente para o triênio 2014/2015/2016. Vasquinho venceu Francisco Andrade Porto por 500 contra 260 dos votos válidos, sendo o novo presidente da Coopervap. Nesta entrevista para o Jornal Di-

VASQUINHO fala da campanha eleitoral e dos trabalhos que pretende exercer juntamente com o Diretor de Negócios Valdir e demais conselheiros e colaboradores da Coopervap

nâmico, Vasco Praça Filho fala da campanha eleitoral e dos trabalhos que pretende exercer juntamente com o Diretor de Negócios Valdir e demais conselheiros e colaboradores da Coopervap. JD- O senhor foi eleito com uma diferença considerável de votos, qual fator principal que atribui a estes números? Vasquinho - Primeiro por que cooperados já conheciam a minha gestão frente à Coopervap. O fato do meu companheiro de chapa Valdir se um cara muito carismático também, que conhece bem a Cooperativa. E também as propostas que foram apresentadas, que eram de acordo com interesse dos nossos produtores rurais. JD- A eleição teve momentos tensos com liminar judicial, diante destes fatos o que você coloca como positivo e negativo durante a campanha? Vasquinho - O que era importante dentro do nosso grupo era pedir votos, mostrar as propostas e visitar aos cooperados. Mas foi judicialmente acordado entre as chapas concorrentes, para manter a eleição na data correta e beneficiar a cooperativa e os cooperados, se não seria um transtorno para a administração da cooperativa. JD- Neste pleito eleitoral, ficou alguma mágoa com algum companheiro de partido, que apoiou a chapa de Francisco Andrade Porto e Pedro Júnior?

Vasquinho - Eu não tenho tempo para sentir mágoas e ressentimentos, sou uma pessoa muito passiva e conciliadora. A cooperativa é de todos e é normal isso acontecer, mas nós temos que respeitar a vontade de todos, isso e democracia e é natural haver divergências e propostas diferentes. JD- Você já foi presidente da Coopervap em outra oportunidade e agora retorna ao comando de uma das mais expressivas cooperativas do Brasil. Daquela época com a que estamos atualmente, como o senhor avalia a situação do produtor rural cooperado? Vasquinho - Atualmente alguns cooperados cresceram muito, quem produzia pouco hoje já produz muito, no mesmo caso os agricultores. Mas tem uma parte que ainda não crescerão e precisam da ajuda da Coopervap. JD- Quando presidente pela primeira vez e comparando com a atualidade o que senhor fará de diferente daquela época? Vasquinho - Na verdade as duas gestões serão bem parecidas, naquela época a situação era mais apertada e hoje ela continua com compromissos financeiros importantes, porém respeitada financeiramente, ela esta em uma situação crescente. O cooperado de hoje está mais focado e sabe o que quer, sabe aonde quer chegar. Atualmente eles estão focados na produção.

JD- O preço do leite é sempre pauta de discussão entre os cooperadores, principalmente o pequeno produtor. De que forma sua gestão vai trabalhar para melhorar os valores beneficiando principalmente o cooperado? Vasquinho - Na verdade estamos estudando uma faixa de volume de leite fazer uma parte a mais para o pequeno produtor. Mas, o que é mais importante do que o preço é fazer com que os custos diminuam para o produtor e aumente o volume de leite. JD- Neste início de mandato, alguma demanda da Coopervap será colocada como prioridade de sua gestão? Vasquinho - Iremos priorizar o crescimento do cooperado e o crescimento da área comercial. Também um investimento maior para a área agrícola, ampliar o supermercado, a comercialização de laticínios em Brasília. JD- O entrosamento entre o

presidente da Coopervap e o diretor de negócios é fundamental para o desenvolvimento do trabalho. Qual será o trabalho principal designado para seu companheiro de chapa o Valdir? Vasquinho - O Diretor de Negócios tem como função junto ao presidente, de ajudar a cuidar da cooperativa e desenvolver ações permitem o crescimento e melhoria na produção da cooperativa. JD- O que o cooperado pode esperar da gestão Vasquinho e Valdir? Vasquinho - Simplicidade, transparências, visitas aos produtores e muita, muita vontade de trabalhar. JD- Uma mensagem para todos os cooperados e colaboradores da Coopervap. Vasquinho - Muita Gratidão! Estou a disposição para ouvir os cooperados e estou aberto a sugestões. Levar assistência técnica para a melhoria da produção.

EXPEDIENTE

CONTATO Jornal Dinâmico Paracatu - Unaí -MG

DIRETOR DE JORNALISMO Tiago dos Reis Manique redacao@jornaldinamico.com.br

DIRETOR COMERCIAL Eliakim Alves comercial@jornaldinamico.com.br

REDAÇÃO PARACATU NICAELA COSTA (38) 9733-8331

(38) 3311-7667

Fundado em 17 de março de 2010 Temistocles Rocha, n° 296 - Centro Paracatu/MG - CEP 38600-000 Thiago dos Reis Manique - ME CNPJ: 11.632.499/0001-76

Rua Temistocles Rocha, N° 296 - Centro

Thiago Keller (38) 9723-0959 comercial@jornaldinamico.com.br

Paula Sousa financeirojd01@hotmail.com I Gráfica Editora Brasília - DF

DIAGRAMAÇÃO E ARTE-FINAL Alysson Keidi Sassaki arte@jornaldinamico.com.br

TIRAGEM 5.000 exemplares


GERAL | 3

Sexta-feira | 4 de abril de 2014

Executivo atenderá requerimento do vereador Glewton Sá Texto: Nicaela Costa/JD

- A Praça Cândido Ulhoa, localizada no centro da cidade, passará por uma ampla reforma, que terá início em breve. Na quarta-feira, 04 de março, o prefeito Olavo Remígio Condé assinou uma ordem de serviço para a

reforma da praça. A reforma será em função do pedido encaminhado ao executivo pelo presidente da Câmara Municipal, veador Glewton de Sá (PROSS). A secretaria de meio ambiente já está realizando a elaboração do projeto de re-

forma para toda a praça, e será contemplada com substituição de bancos, novo parque infantil, área de ginástica, troca do calçamento novo paisagismo entre outras mudanças. A praça faz parte da história do município, parte da

infância de muitos e palco de eventos e comemorações. Sua reforma garantirá para que a comunidade possa dispor dela como mais uma opção de lazer, bem como palco central dos grandes eventos que ocorrem no município.

Instalação de aparelhos de ginastica no calçadão da Rua Honório Silva - O Vereador Oswaldinho da Capoeira (PMDB), fez um pedido ao Executivo, através de requeri-

mento, solicitando a instalação de Aparelhos de Ginastica no calçadão da Rua Honório Silva, este local é muito frequen-

Texto: Douglas Fernandes - Assessor Parlamentar Gabinete - Vereador Oswaldinho da Capoeira

tado por pessoas que gostam e praticam atividades físicas todos os dias. Oswaldinho diz: “temos que dar suporte e mais condições ao local para que mais pessoas possam praticar suas atividades físicas diárias, é muito grande o numero de pessoas que usam o local para se exercitarem e fazer caminhadas todos os dias”. “A instalação de aparelhos de ginastica no local, inibiria também a atuação de pessoas que insistem em atacar os jovens e mulheres que transitam nesta rua todos os dias, a presença de mais praticantes de atividades físicas e adeptos a caminhadas, faria com que estes ataques fossem extinguidos, finalizou Oswaldinho.

Coquetel de lançamento do livro “A Saga de um Sertanejo” - Foi um sucesso o coquetel de lançamento do livro: “ A Saga de um Sertanejo” promovido pela Academia de Letras do Noroeste de Minas e Casa da Cultura na ultima sexta-feira (28) de março, na Casa de Cultura. O livro é de autoria de Juarez Cardoso do Vale, pai do Deputado Estadual Almir Paraca. No lançamento, também estavam presentes o Deputado Estadual, Nilmario Miranda, o Prefeito Olavo Conde, a presidente da Casa de Cultura, Graciele Mendes, a Presidente da Academia de Letras, Coraci Mendes, a esposa, filhos, amigos, familiares e membros da Academia de Letras. O livro retrata a vida do autor, e faz com que seus leitores passem a admirar sua família, conforme

Graciele Mendes. “ Que delicadeza! Que simplicidade! Que belíssimo legado o Sr. Juarez deixa para a sua família e para a nossa cidade!” Coraci Neiva revelou ter lido o livro três vezes e mostrou-se encantada com a obra. “Ao ler esse livro nós voltamos no tempo, eu já o li três vezes”. Revelou Coraci. O prefeito Olavo Conde referiu a obra como um presente para a cidade. Já o Deputado Nilmario Miranda falou sobre a amizade com a família do autor. O Deputado Almir Paraca revelou que, enquanto corrigia a obra, reconhecia a maior parte das historias. “Eu fui um dos que ajudou a corrigir a obra do meu pai, e ao reler, eu fui verificando que já conhecia a maior parte das

historias”. O autor recebeu homenagens com musica, jogral e poesia. Juarez falou brevemente sobre sua obra e do quanto ela é importante para ele. E ainda brincou. “Não vou falar tudo… mais detalhes vocês só terão no livro”. Logo depois, a autor promoveu uma sessão de autógrafos, e os convidados puderam desfrutar de um coquetel.


4| GERAL

Sexta-feira | 4 de abril de 2014

Vasquinho volta a ser presidente da Coopervap Texto e Foto: Eliakim Alves

- Com uma campanha acirrada, os dois candidatos a presidente da Coopervap, Francisco Andrade Porto e Vasco Praça, iniciaram suas caminhadas e visitas aos produtores rurais por aproximadamente sessenta dias. Com troca de “farpas”, em comerciais de rádio, os candidatos se encontraram no sábado, 29 de Março, no parque de exposições, comparecendo cerca de mil produtores rurais e familiares. De acordo com informação da diretoria, aproximadamente três mil cooperados e, destes, mil

e duzentos estavam em condições de votar, entretanto, apenas oitocentos e quarenta e um votaram. A eleição teve início às 13 horas, com o então presidente Edmundo de Sá explanando suas ações durante sua gestão, segundo ele, durante o período, foram investido mais de dezessete milhões em melhorias na empresa. Em seguida, o contador Iano Pereira apresentou relatório anual e balanço financeiro; segundo ele, a Coopervap tem a receber aproximadamente cinquenta milhões de reais e só em cheques são quase três milhões e duzentos

CONTADOR Iano mostra aos cooperados o resultado conquistado no periodo de Edmundo de Sá

VASQUINHO Usando espaço de 5 minutos cedidos para confirmar os 540 votos

mil, mas fechou o ano com doze milhões em caixa. As chapas foram apresentadas aos presentes com direito à fala restrita em cinco minutos para cada candidato. O almoço foi servido e em seguida começou a inscrição para votar, houve um princípio de tumulto e a Polícia Militar foi chamada para manter a ordem. Com euforia durante a captação de votos, os correligionários da chapa “A Força dos Associados”, cujo candidato era Francisco Andrade Porto, começou a frustrar ao começar a contagem dos votos. Poucos minutos após

o início a apuração, os sufrágios em favor de Vasco Praça já estava em dois por um, chegando a pico de dez por um e encerrando com 500 votos; Francisco Andrade Porto obteve 260 com 40 votos nulos. Em entrevista no programa Manhã Sertaneja da Rádio Juriti, Vasquinho disse que o primeiro passo será organizar a casa de acordo com sua diretoria e em seguida partir para ações em prol

dos cooperados e àqueles que estavam ausentes para repatriá-los na Coopervap. Com passagem pela empresa durante a maior crise, Vasco conseguiu recuperar a credibilidade e levar produtores que estavam entregando seu leite a outras cooperativas. Com a mesma intenção de administração, ele volta com abertura também para a agricultura familiar.

APÓS PRINCÍPIO de tumulto, Polícia Militar chegam para colocar paz e ordem

COOPERADOS aprovam prestação de contas da administração que saiu

(38) 3672-6224


Sexta-feira | 4 de abril de 2014

GERAL | 5

Festa e emoção no último sorteio do carro 0Km da promoção Coopervap 50 anos Texto: Tiago Manique/JD e Fotos: Thiago Keller/JD

– No dia em que Vasco Praça Filho foi eleito o novo presidente da Coopervap, no sábado (29), foi realizado o sorteio do quinto e último carro da promoção Coopervap 50 anos, o Pálio Fire. Após o encerramento da eleição no Parque de Exposições da cooperativa, as atenções voltadas foram todas para o sorteio que foi realizado no posto de combustível em frente ao hipermercado. No piso do posto, estavam os milhares de cupons e, ali depositado, o sonho das pessoas que

com fé e esperança aguardavam o resultado. O Gerente de Comunicação e Relacionamento da Coopervap, Geraldo Júnior, comandou a festa momentos antes do sorteio e convidou as crianças para jogarem os cupons para cima e, posteriormente, serem sorteados. Cupons para cima e o anúncio realizado por Geraldo Júnior, que teve como contemplado o morador do São Domingos, José Antônio Monteiro dos Santos. O ex-presidente Edmundo de Sá tentou ligar, na primeira

oportunidade, e não conseguiu contatar o felizardo. Minutos depois conseguindo comunicar ao vencedor, foi apenas questão de tempo para José Antônio chegar na garupa de uma moto. Emocionado, sem conseguir falar, o merecedor do Pálio 0Km, disse que nunca havia

EMOCIONADO e abraçado ao carro, José Antônio foi o quinto contemplado com o Pálio 0KM

CONTADOR Iano mostra aos Cooperados o resultado conquistado

MOMENTO dos cupons para cima e no meio o responsável por pegar o bilhete premiado com os olhos fechados

ganhado nada em sua vida em sorteios. A todo momento, José Antônio reverenciava Nossa Senhora da Abadia e ajoelhou-se atrás do carro, abraçou-o como se estivesse afagando uma criança, dizendo: “Obrigado, meu Deus!” José Antônio revelou que tinha depositado oito cupons para vencer o carro

e afirmou que nem moto tinha e agora saindo contemplado com um veículo 0Km foi felicidade total. A entrega da chave do carro foi realizada pelo atual presidente, Vasco Praça Filho, e o ex-presidente, Edmundo de Sá. Confira as fotos de todos os vencedores da promoção Coopervap 50 anos.


6| GERAL

Sexta-feira | 4 de abril de 2014 EDITAL DE HASTA PÚBLICA E INTIMAÇÃO A Dra. CLÁUDIA APARECIDA SALGE, Juíza Federal Titular da Vara Única da Subseção Judiciária de Paracatu – MG, torna público que praceado o seguinte bem:

VENDE-SE UMA CASA COM DOIS QUARTOS, SALA, COZINHA E BANHEIRO. COM PONTO COMERCIAL COM FUNDAÇÃO FEITO PARA CONSTRUÇÃO DE APARTAMENTOS, SENDO AREA TOTAL DE 450m². RUA DONIZETE VITOR RODRIGUES, 348 - BELA VISTA

REFERÊNCIA: Execução por titulo extrajudicial nº 2006.38.06.000171-0, ajuizada pela CAIXA ECONOMICA FEDERAL, em face de ALUÍSIO GOMES GONÇALVES (CPF nº 291.746.786-04) e TARCÍSIO GOMES GONÇALVES (CPF nº 144.467.741-15). OBJETO DO LEILÃO: 1) Fração ideal de 50% (cinqüenta por cento) de uma parte de terras com 50,00,00 has. (cinqüenta hectares), constante do R-2 da matricula nº 3.597 do Cartório de Registro de Imóveis de Paracatu, situada na fazenda Pereirinha, lugar denominado Biboca, terras de campos naturais e cerrados de capim duro, com benfeitorias constantes de parte no engenho velho, telhas e rolos de arames. VALOR DA AVALIAÇÃO: R$ 75.000,00 (setenta e cinco mil reais), avaliado em R$ 3.000,00 (três mil reais) cada hectare. SEDE DO JUÍZO: Av. Olegário Maciel, nº 138, Centro, Paracatu/MG – CEP 38.600-000.

CONTATO: (38) 9927-8842 - IVAN

VAGAS DE EMPREGO DISPONÍVEIS NO SINE PARACATU/MG Praça Adelmar Silva Neiva, 147 –

DATA E HORÁRIO: Dia 07 de maio de 2014, às 12h30, na Avenida Olegário Maciel, nº 138, Centro, Paracatu/MG.

Centro /CEP: 38600-000. Interessados deverão procurar o SINE - Sistema Nacional de Emprego, localizado à Praça Adelmar Silva Neiva, 147 - centro - UAI Paracatu - portando carteira de identidade, CPF e carteira de trabalho. • COSTUREIRO DE ROUPAS (CONFECÇÃO EM SÉRIE ). Nº de vagas: 01. Salário: R$ 724,00. Experiência: 06 MESES. Local de trabalho: PARACATU/MG. Escolaridade: NÃO EXIGIDO. Outros: NÃO EXIGIDO • VAQUEIRO. Nº de vagas: 08. Salário: R$ 1.086,00. Experiência: 06 MESES. Local de trabalho: PARACATU/MG. Escolaridade: NÃO EXIGIDO. Outros: NÃO EXIGIDO • SERRALHEIRO. Nº de vagas: 02. Salário: R$ 1.000,00. Experiência: 06 MESES. Local de trabalho: PARACATU/MG. Escolaridade: ENSINO MÉDIO COMPLETO. Outros: NÃO EXIGIDO • CUIDADOR DE IDOSOS. Nº de vagas: 01. Salário: R$ 724,00. Experiência: 06 MESES. Local de trabalho: PARACATU/MG. Escolaridade: NÃO EXIGIDA. Outros: NÃO EXIGIDO. • MOTORISTA CARRETEIRO. Nº de vagas: 05. Salário: R$ 1.475,00. Experiência: 06 MESES. Local de trabalho: PARACATU/MG. Escolaridade: NÃO EXIGIDA. Outros: CNH E; DISPONIBILIDADE PARA VIAGEM. • MONTADOR DE ANDAIMES. Nº de vagas: 03. Salário: R$ 1.213,83. Experiência: 06 MESES. Local de trabalho: PARACATU/MG. Escolaridade: NÃO EXIGIDA. Outros: DISPONIBILIDADE DE HORÁRIO.

Novo telefone: (38) 3672-6224

OBSERVAÇÕES: I – Não alcançado o bem lanço superior à importância da avaliação, este será alienado em 2ª hasta na data de 20 de maio de 2014, às 12h30, no mesmo local, pelo maior lanço, com deságio de 40% (quarenta por cento) sobre a avaliação; II – A comissão do leiloeiro será de 5% (cinco por cento), calculada sobre o valor do arremate, a ser paga em moeda corrente nacional no ato do leilão, em separado do valor do arremate, exclusivamente por conta do arrematante; III – Fica designado como leiloeiro o Sr. Fernando Caetano Moreira Filho, da empresa Minas Gerais Leilões, tel. (37) 3243-6174 e (37) 9962-3020; IV – Para parcelamento do valor do arremate, contactar a exeqüente, com antecedência, para verificação das normas em vigor; V – Ficam intimados pelo presente edital o(s) executado(s) e cônjuges(s), se casado(s) for(em), caso não tenham sido encontrados para intimação pessoal acerca da hasta pública designada; VI – É de exclusiva atribuição dos licitantes verificar, com antecedência, o estado de conservação, situação de posse e especificações do(s) bem(ns) oferecido(s) no leilão/praça. Paracatu – MG, 13 de fevereiro de 2014 CLÁUDIA APARECIDA SALGE Juiza Federal – Vara Única Subseção Judiciária de Paracatu - MG


Sexta-feira | 4 de abril de 2014

POLÍCIA | 7

Câmaras de vigilância serão instaladas em aproximadamente 60 dias Texto: Tiago Manique/JD e Assessoria de Comunicação da Prefeitura de Paracatu e Foto: Tiago Manique/JD

PARACATU – Para tentar combater a criminalidade em Paracatu, que apresenta números assustadores, a segurança pública ganhará um reforço que ficará do alto, vigiando, que são as câmaras de vigilância. A confirmação partiu de informação do secretário de Planejamento, Erasmo Neiva, em reunião no gabinete do prefeito Olavo Condé (PSDB), no qual afirmou que, nesta primeira etapa, 16 câmaras de vigilância serão instaladas em locais indicados pelo 45º Batalhão da Polícia Militar (45ºBPM). Erasmo disse ainda que as câmaras foram conseguidas

através de convênio com o governo do Estado. Presente no encontro, o Tenente Coronel do 45ºBPM, José Reinaldo Parreira, disse que a instalação das câmaras será “um reforço na segurança e auxiliará na prevenção criminal” na cidade. Reinaldo revelou que o processo de monitoramento será realizado em uma sala no 45ºBPM. Vereadores solicitam atenção especial aos bairros Na oportunidade, os vereadores da base aliada do governo pediram atenção especial aos bairros,

CONDÉ, no momento da assinatura do contrato

REUNIÃO contou com a parcipação dos secretários municipais, vereadores da base aliada do governo e do prefeito Olavo Condé

onde o índice da violência tem crescido e reivindicaram outras necessidades emergenciais que garantam mais segurança ao cidadão de bem. O comandante, por sua vez, ressaltou que a instalação do sistema de vídeo monitoramento do Programa Olho Vivo faz parte de uma das ações que vão auxiliar e muito o trabalho dos militares. “É evidente que outras medidas, algumas sigilosas, já estão em andamento e outras em fase de

análise. Estamos estudando o deslocamento de militares do quartel para outros pontos da cidade para melhor atender a população. No que se refere ao aumento do efetivo também estamos buscando essa estruturação. Enfim, meu compromisso é trabalhar diuturnamente para mudar a realidade e as estatísticas negativas do município e conto com o apoio de todos os segmentos da sociedade para juntos alcançarmos nossos objetivos de promoção da paz em Paracatu.”

Olavo Condé agradeceu a presença de todos e concluiu afirmando que a administração municipal continuará atuando junto às demais autoridades para reforçar a segurança pública no município. O gerente de operação da Petcom, Willian Gonçalves, empresa responsável pela execução do trabalho de instalação do sistema de vídeo monitoramento em Paracatu afirmou que a instalação completa das câmeras será concluída no prazo de 60 dias.

Polícia Militar prende Renato Galinha no Bairro JK Texto e Fotos: Tiago Manique/JD

PARACATU - Um dos bandidos mais perigosos da região, fugitivo da Penitenci-

ARMA e munições encontradas

ária de Unaí e procurado pela polícia foi capturado na tarde de segunda-feira (31). Trata-se de Renato Alves Siqueira, 18 anos, vulgo, Renato Galinha, bastante conhecido no meio policial pela quantidade de delitos cometidos na sua adolescência. “Renato Galinha”, antes mesmo de completar 18 anos, já tinha uma ficha criminal extensa. Ele é acusado e

suspeito de vários homicídios em Paracatu e cumpria pena na cidade de Unaí, de onde estava foragido. Galinha foi capturado pela equipe Tático Móvel da Polícia Militar no bairro JK, de posse um revolver Cal.38 e 4 munições intactas. Além das várias acusações de homicídio e também do roubo a gado no município,

Renato Galinha, em 2012, foi o principal personagem de um acontecimento inédito no Bairro Chapadinha, onde depois de trocar tiros com a Polícia Militar, foi atingido e preso, mas os familiares tentaram resgatar o menor de dentro da viatura da polícia e também fizeram um tumulto na porta do hospital visando resgatá-lo durante o atendimento.

RENATO Galinha estava foragido da Penitenciária de Unaí

Policiais Femininas Militares do Noroeste Mineiro participam de encontro em Unaí Texto e Foto: Divulgação/Assessoria de Comunicação do 28ºBPM

– Centenas de mulheres policiais militares participaram do VI Encontro da Mulher Policial Militar da 16ª Região da Polícia Militar, evento que ocorre todos os anos em homenagem às Policiais Femininas do Noroeste de Minas. O evento foi realizado na Chácara Margarida e estiveram presentes na abertura do encontro o comandante da 16ª Região da Polícia Militar com sede no município, Coronel Cícero Leonardo da Cunha, acompanhado do comandante do 28º Batalhão de Polícia Militar, Tenente Co-

ronel Roberto de Assis Martins Júnior e do Delegado Chefe do 16º Departamento de Polícia Civil, Marcos Tadeu de Brito Brandão. Policiais Militares das cidades de Bonfinópolis de Minas, João Pinheiro, Paracatu, Unaí e também assistentes administrativas que exercem suas atividades na 16ª RPM, 28º BPM e 45º BPM (Paracatu) marcaram presença, assim como policiais civis, bombeiras militares e policiais militares do 16º Batalhão do Estado de Goiás, com sede em Formosa (GO).

Durante todo o dia, foram proporcionadas diversas atividades, bem como foi servido um saboroso café da manhã e almoço. Entre homenagens, debates, apresentações de peças teatrais, dinâmicas, houve a participação do Cabo Mendonça que contou algumas piadas e “causos” arrancando várias gargalhadas, deixando o ambiente mais agradável e bastante descontraído entre as participantes. Logo após, o Sargento Israel leu uma mensagem em homenagem ao Dia Internacional da Mulher.

POLICIAIS Femininas Militares confraternizaram no tradicional encontro em homenagem ao Dia Internacional da Mulher


Sexta-feira | 4 de abril de 2014

Igreja do Rosário terá reinauguração com Altar-Mor restaurado

Texto e Foto: Eliakim Alves/JD

MONSENHOR JOÃO CESAR

Sem ter celebração de missas por aproximadamente sete anos, a Igreja do Rosário terá mais uma reinauguração de sua história no próximo domingo 06/04. Sem data definida, acredita-se que a construção dessa Igreja teria iniciado por volta de 1700 a 1744, nesse tempo Minas Gerais criou cinco Vilas, que eram Vila Rica, Rio das Velhas, Rio das Mortes,

Serro Frio e Vila Paracatu do Príncipe (transformando em comarca só em 1815), de acordo com levantamento histórico, a irmandade de Nossa Senhora do Rosário encomendou a construção de uma Igreja destinada aos povos “Negros e Mulatos”, os quais representavam aproximadamente 70% da população local, onde também as missas eram voltadas para essa parte da população considerada mais pobres. A arquitetura da Igreja do Rosário apresenta uma característica diferente das existentes na cidade e outros municípios do Estado, com estilo colonial, entende-se que sua construção tenha ocorrido no período de transição de “Brasil Colônia para Brasil Império”. O que chama atenção é a decoração da igreja, a talha em es-

tilo “joanino” do altar-mor, composta de colunas salomônicas (em forma helicoidal, característica da arquitetura barroca), dossel (sobrecéu), elementos fitomorfos (estrutura semelhante à de plantas) e querubins (Anjo que possui grande conhecimento ou também um símbolo da sabedoria ou justiça divina), o autor da obra é desconhecido. Acredita-se pela semelhança de estilo que é o mesmo artista que executou os altares do arco-cruzeiro da Catedral de Santo Antônio, ressaltando que não é a mesma arquitetura. A primeira reforma ocorreu em 1988 sobre coordenação do IPHAN; agora com recursos pequeno deste mesmo órgão, foi recuperada parte do Altar-Mor, sendo o restante custeado pela comunidade com do-

OPERÁRIOS restauram madeira anga para servir “Cruzeiro” da praça

ações do “dízimo” e esporádicas. De acordo com monsenhor João César, há de se fazer também uma restauração urgente na Igreja Matriz de Santo Antonio; entretanto ainda não há sinais de quando começará. Com a reinauguração da Igreja do Rosário, a celebrações que hora se faz na Matriz, será transferida bem como as cerimônias de casamentos. Com missa presi-

dida pelo Bispo Dom Jorge Alves os fie que se fizerem presentes, poderão contemplar o novo Altar-Mor e um cruzeiro erguido na frente da Igreja, buscando a tradição da antiga praça a cerca de meio século. Para a igreja ficar completa, falta reformar o relógio da torre, segundo informação a ser confirmada a prefeitura de Paracatu se dispôs a custear essa restauração.

Vereadora Marli Ribeiro clama por paz - “Paracatu clama por Paz. É preciso ações em conjunta com o governo estadual que traga solução a crescente violência em nossa cidade. Estamos assustados”, disse vereadora Marli Ribeiro. Seu discurso não é em vão, só no ano de 2013 foram ao todo 51 assassinatos e 107 tentativas. Estamos na primeira semana de abril, e até o fechamento da matéria Paracatu já contabilizava 25 homicídios, quase a metade do total do ano passado, números que já podem ter aumentado. Estatística alarmante não só para os padrões aceitáveis da Organização das Nações Unidas (ONU). As autoridades reconhecem e a comunidade está assustada e a espera de ações que realmente tragam resultados positivos e significativos. “As famílias estão com medo, e nós como representantes do governo municipal não estamos quie-

tos. Estamos cobrando ações do Governo Estadual que resolva o caos que se tornou nossa cidade com a crescente onda de violência”, disse. A vereadora se diz otimista e crê que a reunião que participou em fevereiro com a secretária adjunta de Defesa Social, Dra. Cassia Virgínia Gontijo, com o chefe do Estado Maior da PMMG, Divino Pereira de Brito e o superintendente de investigações e Polícia Judiciária, Jeferson Botelho, os demais vereadores da casa e o prefeito, Olavo Conde, e o vice, José Altino já está dando seus primeiros resultados. “Podemos ficar otimistas, dentro de 60 dias já estará instalado em Paracatu o vídeo monitoramento - Olho Vivo. Medida prometida e que está sendo cumprida pelo Governo Estadual”. Quando estiveram em Paracatu os representantes do governo estadual averiguaram a realidade

da cidade e junto com as autoridades local fizeram análises e definiram estratégias e ações de combate aos homicídios, roubos e trafico de drogas que podem ajudar a amenizar a atual situação. Durante a reunião a secretária adjunta, Dra. Cassia, disse que já se encontrava em Paracatu uma equipe que estava “mapeando” a cidade. Sobre o Programa Olho Vivo, serão instaladas câmeras em 16 locais estratégicos da cidade escolhido pela Policia Militar e monitorada também por um policial que trabalhará em parceria com as equipes que estiverem nas ruas. Durante a reunião na prefeitura, onde foi assinado o contrato com a empresa PETCOM, responsável pela instalação das câmeras do Programa Olho Vivo, estavam presentes vereadores e secretários e o prefeito Olavo Conde, e também o Tenente

Coronel José Reinaldo Parreira. Ainda segundo a vereadora Marli entre outros temas, o encontro abordou ações estratégicas e planejadas para a cidade que outrora foram feitas aos representantes do Governo Estadual. Entre elas, a descentralização da policia militar, levando-a para os bairros e o aumento do efetivo da Policia Militar e da Policia Civil. Durante a reunião o Tenente Coronel disse que ações de combate à violência já estão em andamento. “Medidas já estão sendo tomadas. Umas em andamento e outras em análise, como o deslocamento de Policiais Militares para outros pontos da cidade, como também, o aumento do efetivo”. Quanto ao Programa Olho Vivo, o Tenente elogiou sua funcionalidade. “A instalação desse programa irá nos auxiliar e muito em nossas ações na cidade”, disse. Ainda segundo a vereadora

Marli Ribeiro a cidade precisa mais que parcerias com as esferas de governo. “Como pastora afirmo que precisamos e muito mais do que parcerias com o governo. É preciso também firmar nossa fé em Deus e levar nossas crianças e jovens às igrejas. Como diz em Salmos 126:01 “...se o Senhor não guardar a cidade, em vão vigia a sentinela””. Texto: Daniela Dayrell - Assessora Parlamentar/Jornalista

Edição 199  
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you