Issuu on Google+

A16

edição de 15/07 a 15/08/2011

QUADRA JUNINA

FORRÓNINDEUA CELEBRA 15 ANOS COM FESTA QUE DURA DEZ DIAS Uma festa nada modesta para a

muito a receptividade e

comemoração dos quinze anos da

hospitalidade do município e dos

maior festividade junina popular

organizadores”.

do Pará. Esse é o resumo do que

A apuração final do concurso de

foi o XV Forrónindeua,

quadrilhas aconteceu nos dias 2 e

organizado pela Secretaria de

3 de julho com a entrega das

Cultura, Esporte e Lazer

respectivas premiações, que

(SECEL), que foi realizado de 23

contou com a presença do prefeito

Educação Superior no Brasil foi

de junho a 4 de julho, no

de Ananindeua, Helder Barbalho.

anunciada

estacionamento do Ginásio João

“Independente da premiação, foi

presidente Dilma Roussef. No

Paulo II, o Abacatão.

válida a participação de todos. O

O espaço ficou pequeno para tanta alegria no Arraial da Felicidade e esteve sempre lotado, seja durante a primeira etapa, que aconteceu de 23 a 26 de Junho, com o concurso de quadrilhas mirins e municipal, seja a partir de 28 de Junho, quando o Forrónindeua deu início ao concurso intermunicipal

DILMA ANUNCIA UFPA E IFPA NA GRANJA DO ICUÍ A terceira fase do programa de

ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec), por meio do Instituto Federal do Pará (IFPA). A previsão é que a instalação dos pólos UFPA e IFPA sejam na Granja do Icuí, antiga residência do governador. O reitor da UFPA, Carlos Maneschy, indicou que a intenção é de conclusão do campus em 2012.

expansão da Rede Federal de formalmente

pela

pacote está incluso a criação do novo campus da Universidade

papel de cada brincante e cada

Federal do Pará (UFPA), em

expectador foi muito importante,

Ananindeua, e uma unidade do Programa Nacional de Acesso

Os números do XV Forrónindeua

que fizeram acontecer este evento

pois as manifestações culturais

impressionam: diariamente um

maravilhoso”.

também contribuem para o

público estimado em 4.500

Prevista para ser uma superfesta,

resgate do convívio familiar entre

pessoas compareceu ao evento,

o XV Forrónindeua teve uma

crianças, jovens e adultos”. A

estrutura de palco à altura da sua

secretária Nilse Pinheiro, à frente

dimensão, o que valorizou o

da SECEL, premiou as quadrilhas

que aqueles que se vêem à superfície. Sua viagem inicia nos

espetáculo proporcionado pelas

do primeiro ao décimo lugar,

Andes e termina no oceano Atlântico. A descoberta feita pela

numa forma de incentivar àqueles

equipa do Observatório Nacional do Brasil foi apresentada agora

A Secretaria de Cultura, Esporte e Lazer avaliou como “uma festa nada modesta para a comemoração dos quinze anos da maior festividade junina do Pará: o XV Forrónindeua”, realizado no estacionamento do Ginásio João Paulo II, o Abacatão. O espaço ficou pequeno para tanta alegria no Arraial da Felicidade e esteve sempre lotado durante o concurso de quadrilhas mirins e municipais. Nada menos que 70 grupos de quadrilhas de 13 municípios estiveram presentes, participando do concurso intermunicipal de quadrilhas.

que fazem a cultura popular no

no 12º Congresso Internacional da Sociedade Brasileira de

Pag. 16

município e no estado.

Geofísica. Os cientistas utilizaram nesta investigação os 241

A professora Nilse Pinheiro

poços perfurados durante a década de 1970 e 1980 pela

também fez questão de destacar a

empresa de petróleo brasileira Petrobrás.

com a média de 6.000 durante o final de semana. Ao todo foram 118 quadrilhas que participaram

trazendo 70 grupos de quadrilhas d o “ F o r r ó n i n d e u a ” 2 0 11 , de 13 municípios do Estado. concorrendo a uma premiação de A programação mais forrozeira do R$ 60 mil. Para a gestora da Estado teve nos dias 2 e 3 de Julho S E C E L , p r o f e s s o r a N i l s e o resultado da apuração e a P i n h e i r o , q u e p r e s t i g i o u premiação dos vencedores do diariamente as apresentações, a concurso, ao som de diversas dedicação e o empenho dos

quadrilhas juninas, conforme disse Fernando Martins, da “Alegria do Povo”, de Belém: “A estrutura estava perfeita com o palco coberto; mesmo nossa apresentação sendo numa quarta-

atrações musicais, que animaram participantes foi algo indescritível o público estimado em 40.000 de ver: “Essa sensação fortalece o

em massa”. Marcos César, da

pessoas: Tropa do Forró, a dupla desejo de consolidar a valorização

“Simpatia de Tracuateua”, do

Beto e Leno, Forró de Elite, Forró da cultura do município, tão rica e Pula Cerca, o cantor e compositor diversificada, e que precisa de Jorge Benner, e ainda as bandas nosso apoio e acima de tudo de Fogo Fagô e Fritação.

EDIÇÃO DE 15/07 A 15/08/2011 Nº13

reconhecimento. Parabéns a todos

PREFEITO HELDER BARBALHO, SECRETARIA DE CULTURA NILSE PINHEIRO E REPRESENTANTES DE AGREMIAÇÕES PRESENTES AO EVENTO.

feira, o público estava presente,

município de mesmo nome, também expressou sua opinião: “Pra gente é satisfatório ter uma estrutura de organização e física

Pag. 13

Rio subterrâneo sob o Amazonas Uma corrente de água subterrânea passa por baixo do rio Amazonas, no Brasil, e chama-se Hamza. Está a 4000 metros de profundidade e tem um fluxo de água muito mais lento do

ABACATÃO” FICOU PEQUENO PARA COMPORTAR FORRÓNINDEUA

Pag. 14

parceria desenvolvida com a patrocinadora do XV Forrónindeua, a Cerpa, e os ó rg ã o s r e s p o n s á v e i s p e l a manutenção da ordem e segurança no espaço do Arraial da Felicidade,

os

quais

proporcionaram tranquilidade ao público sempre presente nos dez

TÍTULO DE AMIGO DA CRIANÇA VAI PARA O ANITA GEROSA

com a grandiosidade do XV

dias. “Quero agradecer ao povo de

Forrónindeua. Isso engrandeceu

Ananindeua por ter participado e

Amigo

muito o nosso trabalho e destacou

feito o evento ser um sucesso,

recebeu a placa no dia 3 de

a qualidade do evento”. Já

recorde de público, com pessoas

agosto,

Adilson Gomes, da “Papa

chegando desde as seis da tarde de

Mundial

Mingau”, de Salinópolis, se disse

um dia e ficando até as quatro da

Materno. A certificação foi

surpreso com o que constatou no

manhã do dia seguinte; isso para

concedida

Forrónindeua: “Ainda não

mim foi uma grande honra, pois

Ministério da Saúde e Fundo

tínhamos visto nada semelhante

pude ver e sentir a alegria das

das Nações Unidas para a

por onde andamos. Agradecemos

pessoas de perto”.

O Hospital Anita Gerosa ganhou o título de "Hospital da

Criança"

como

parte

e da

programação da Semana de

Aleitamento após

uma

avaliação conjunta com o

Infância

(Unicef) ,

que

atestou que o hospital cumpre os 10 passos considerados fundamentais para promover, proteger e apoiar o aleitamento materno (página 10). “O título coroa um trabalho feito desde 2005, quando a Sociedade Beneficente São Camilo assumiu o comando da instituição”, disse o diretor administrativo do hospital, Rafael Vieira Lopes.

Pag. 10


edição de 15/07 a 15/08/2011

JORNAL DE ANANINDEUA • edição de 15/07 a 15/08/2011.

A15

MARITUBA

A SAÚDE NA UTI

Alfredo Garcia

Fotografia Artur Paparazzi Getúlio Sanches

José Junior 8248-1618 / 9247-9595

Se a morte - qualquer uma – já não fosse por si mesma suficiente para consternar, a constatação de que duas crianças morreram ao nascer é duas vezes mais chocante. E representa um choque de intensidade bem maior constatar que essas duas crianças perderam a vida na porta de um hospital, de uma maternidade. A população paraense está chocada com a morte desses dois bebês. Essas circunstâncias é que tornam a saúde pública um caso de polícia. Literalmente. Mais uma vez, em menos de um ano, a saúde pública do Estado do Pará vira referência policial. A Santa Casa de Misericórdia está sob a responsabilidade do governo do Estado. O Hospital de Clínicas Gaspar Vianna também. Os bebês, segundo garantiu o pai das crianças, Raimundo Cícero Gomes, nasceram em condições precárias – uma delas na ambulância, o outro já não era mais possível fazer nada – porque nem um, nem outro hospital deram o atendimento adequado à mãe. A presidente da Santa Casa de Misericórdia disse em entrevista a uma emissora de televisão de grande audiência que a orientação, desde alguns dias, era não receber pacientes com gestação prematura porque há superlotação nos leitos da Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e de Cuidados Intensivos (UCI). O secretário de Saúde do estado, por sua vez, disse que nenhum médico lotado em maternidade, absolutamente nenhum, está autorizado a dispensar atendimento a pacientes. Mesmo que não existam leitos disponíveis, estão obrigados a atender a parturiente, garantiu o secretário. Houve descumprimento a essa regra. E o que sobra do conceito que todos temos da saúde pública administrada pelo Estado pode ser resumido nas palavras – desoladas – do pai das crianças. “Estou arrasado com esse acontecimento horrível. Dou nota zero não só para a Santa Casa, mas para a saúde pública como um todo. Estou revoltado, porque ficamos à mercê e não recebemos o atendimento devido. Talvez os nossos filhos estivessem aqui agora se não fosse a

negligência. Não é justo que isso tenha acontecido, esperamos tanto por essas crianças”, disse Cícero Gomes. Muitos, além dele, têm justos motivos, têm bastantes razões para se mostrar chocados. É que médicos e políticos fazem juramento. Os médicos fazem o conhecido juramento de Hipócrates quando recebem o grau. Os políticos, não. Suas juras, suas promessas são sazonais. Acontecem normalmente em época de campanha eleitoral. Quando estão mendigando votos, políticos costumam olhar para trás. Tomam como referência os erros dos antecessores e prometem fazer tudo ao contrário. Quando mendigam votos, costumam lembrar que a ética sempre balizará seus procedimentos. Passadas as eleições, descobre-se que as juras, os juramentos, as promessas não passam disto: de juras, juramentos e promessas. No caso da morte desses dois bebês, a polícia ainda está apurando se houve omissão, uma vez que um inquérito policial está em curso. Mas não há como negar que nenhum discurso, nenhuma alegação de que “medidas rigorosas” foram tomadas, nenhuma explicação sobre a carência de leitos para uma enorme demanda reprimida – que provém inclusive de vários municípios do interior do estado -, afinal, nada do que se disser ou fizer será suficiente para restituir a vida às duas crianças que morreram, sem misericórdia, à porta da Santa Casa de Misericórdia. Atente-se, nesse sentido, para trecho de nota do Sindicato dos Médicos: “Quem tem que prover leitos para atender a população não é a categoria médica, mas sim os gestores da saúde”. É isso que deve servir de alerta para os gestores públicos do estado. Como deve servir de alerta para os que, nas campanhas eleitorais, alardeiam juramentos que acabam contrariados por fatos como esse, da morte de dois bebês à porta de um hospital público que, por ironia, deveria trazê-los à vida.

LICITAÇÃO X MALVERSAÇÃO Um turbilhão de opiniões e idéias contrapõe-se quando se trata de discutir matéria relacionada com o termo licitação. Uma legião pugna favorável a quem comprou mal comprado e que procura de alguma ou de qualquer forma demonstrar que fê-lo corretamente. Outra turma atua inversamente, procurando provar que a compra de um bem de consumo e até para simples deleite tem que se agasalhar dentro das normas ditadas pela Lei nº 8666/93. Diz a turma de passo certo que licitação é aquilo que veste licitude dos pés à cabeça, enquanto a licitude compõe sua figura, envolvendo-a na legalidade, na juridicidade e na moralidade. Terminações das ditas palavras por si só afiançam ser uma parenta da outra. Enquanto isso a palavra malversação não quer dizer ser obra de um poeta mal versado e sim, define-se como desvio de dinheiro no exercício de um cargo, ou seja, má administração. A l g u n s administrativistas chegam a afirmar que dita lei é inconstitucional porque açambarcou competências de estados e municípios não deixando para estes espaços para legislar sobre a matéria de acordo com suas peculiaridades locais e regionais, nos termos de suas autonomias legislativas constitucionais. Essa invasão de competência é condenada pelos nossos melhores doutrinadores. Adjetivada como sendo “conturbada” a Lei 8666 foi apelidada de diabólica em virtude de nela encontrarem-se contidos três números seis que significam a imagem do coisa ruim, como se só um diabo não fosse suficiente para aporrinhar a ação livre dos compradores públicos inimigos da cotação depreços para a escolha do melhor, mais fácil e mais conveniente contrato para a

execução de obras ou prestação de serviços. Ensina a unanimidade dos mestres na matéria que a regra é o dever de licitar sendo a exceção a livre escolha do co-contratante pela Administração. Os casos de dispensa de licitação não podem ser ampliados pelo Estado, a títulos de legislação supletiva. Essa só se estende para o aspecto processual e não para a parte substantiva, ou seja, a dispensa de licitações. Busca-se como exemplo de maior bandalheira o concorrente ganhar a licitação porque ofereceu preço menor para transportar diariamente para um depósito de podridão X toneladas de lixo. Na realidade, tal contratante deposita no lixaral Y toneladas de resíduos imprestáveis. Levando-se em conta que X menos Y não se pode definir porque o lixo depositado não é pesado, concluí-se que a diferença que poderia ser abstrata é concreta em todos os sentidos considerando-se que a diferença de peso é feito de vento, coisa que não se vê, não se pega, mas sabe-se que é concreto, porque tem existência própria. Funciona, em face do direito positivo e também sob o aspecto retórico, a regra geral é licitar. A exceção que seria a eleição livre do contratante pela Administração esse direito de excetuar-se aplica-se exepcionalissimamente. Jamais, elegendo um contratante que venceu uma licitação para vender alho e é escolhido para fornecer cebolas só porque ambos têm a mesma designação coletiva (réstia) e são apreciáveis condimentos culinários. Licitar corretamente significa praticar, comprando aquilo que é juridicamente permitido. O resto é malversação, quando então pode-se superfaturar abusivamente na compra tanto do alho como do bugalho.

Paulo Afonso de Oliveira Falcão Advogado OAB-PA 9813 Rua José Marcelino de Oliveira 385 Ananindeua - Pará

PREFEITURA INAUGURA CURSINHO PRÉ-VESTIBULAR A Prefeitura de Marituba inaugurou no dia 25 de agosto o cursinho pré-vestibular municipal gratuito Professor Vicente Falcão. Na ocasião houve o lançamento do uniforme, apresentação da equipe de professores, show da Banda da Casa da Cultura e do Daniel do Acordeon. O Secretário Municipal de Educação, Orziro Santana, afirmou que a Prefeitura de Marituba realizou previamente uma pesquisa técnica para a contratação dos professores, contratando um time formado pelos melhores professores do Estado do Pará, além de utilizar alta tecnologia na sala de aula com totalmente climatização e sistema áudio visual de última geração. O Prefeito Bertoldo Couto afirmou em seu discurso que a educação é fundamental para o fortalecimento de uma sociedade, e que não descansará em quanto não

FOTOS: DIVULGAÇÃO PMM

Prefeito Bertoldo mostrou o uniforme que será gratuito aos alunos

População compareceu em massa para a inauguração do cursinho pré-vestibular

conseguir colocar todas as crianças na escola, além de trazer uma faculdade para o município. A PMM ofereceu 1500 matrículas, restando somente pouquíssimas vagas, onde os interessados podem procurar a Secretaria de Educação ou o próprio cursinho que fica na Rua do Fio, esquina da Rua da Reicon, número 111. O evento contou com a presen-

ça dos vereadores, secretários municipais e a família do saudoso Professor Vicente Falcão, que foi representada pelo Dr. Lázaro Falcão que agradeceu em seu pronunciamento a atitude e homenagem do Prefeito Bertoldo Couto. É a Prefeitura de Marituba trazendo mais educação e oportunidades para o seu povo.

INAUGURADO NÚCLEO DE COMBATE ÀS ENDEMIAS O combate a doenças endêmicas no Pará recebeu um reforço de peso em Marituba. A prefeitura do município inaugurou na manhã desta quintafeira o primeiro Núcleo exclusivo de Combate às Endemias do bairro Decouville, um dos maiores da cidade. No total, três equipes com 28 agentes e três supervisores farão o combate a doenças como a malária e a dengue. O núcleo do bairro Decouville, que há mais de 15 anos não era reformado, é o primeiro do município com destino exclusivo para o desenvolvimento de tarefas dos Agentes de Combate às Endemias (ACE). Em outros bairros, o ponto de referência dos ACE é um anexo a uma unidade de saúde ou escola. Com o novo Núcleo, essa realidade muda. “Todo mundo sai ganhando: de um lado, a população, que pode ter acesso a informações importantes no combate à

Prefeito Bertoldo, Secretária Luana no descerramento da placa dengue, por exemplo; por outro, ganham os agentes do bairro, que agora têm por dar dedicação exclusiva, sem se preocuparem com outros profissionais”, declarou o prefeito Bertoldo Couto. O prefeito destacou ainda que Marituba é modelo para todo o Estado do Pará no combate à dengue “e isso só é possível graças ao trabalho e dedicação dos ACE do município”, disse. De acordo com a dire-

tora de Vigilância em Saúde d a S ecretaria M u n icipal d e S aú d e, A na G ab riela Andrade, agora a população poderá fazer denúncias de possíveis focos do mosquito transmissor da dengue em terrenos abandonados ou casas vizinhas. Além disso, os moradores poderão realizar o agendamento de visita domiciliar dos Agentes de Combate às Endemias. “Com um prédio bonito e novo como

esse, vou não vou mais querer sair daqui”, brincou a dona-decasa Maria de Lurdes Fonseca. Na cerimônia de inauguração do novo Núcleo de Combate às Endemias, estiveram presentes diversas autoridades municipais, dentre vereadores, secretários e outros. A representante do 1º Centro Regional de Saúde do Estado, Silvia Bessa, também compareceu. Para ela, a produtividade dos agentes irá melhorar bastante e destacou que a inauguração do novo núcleo representa “um compromisso do prefeito para com a população de Marituba”. A titular da Secretaria Municipal de Saúde (SESAU) de Marituba, Luana Rodrigues, afirmou que os ACE são importantes para todo o município porque “incentivam a população a continuar combatendo a dengue”, que é uma doença que pode matar.

REALIZADA A II CONFERÊNCIA MUNICIPAL DE POLÍTICAS PARA MULHERES A Prefeitura Municipal de Marituba através da Secretaria Municipal de Assistência e Desenvolvimento Social promoveu no dia 24 de agosto a II Conferência Municipal de Políticas para Mulheres. O evento aconteceu no CRAS Emanuel Rocha, no bairro Decouville, contando com a presença das autoridades municipais

e estaduais. Foi discutido na conferência a elaboração de políticas públicas voltadas para a construção da igualdade, tendo como perspectiva o fortalecimento da autonomia econômica, cultural e política das mulheres, contribuindo para a erradicação da extrema pobreza e para o exercício da cidadania das mulheres do município.

Mesa composta da II Conferência Municipal de Políticas para Mulheres

Novos conselheiros para o biênio 2011/2013

EMPOSSADA NOVA COMPOSIÇÃO DO CONSELHO DE SAÚDE A nova composição do Conselho Municipal de Saúde de Marituba (COMSAM) tomou posse oficialmente no auditório da Câmara de Vereadores do município, em cerimônia realizada na manhã do dia 19 de agosto. Os 24 membros do Conselho ficarão no cargo durante o biênio 2011-2013. O evento teve o apoio da Prefeitura Municipal de Marituba e Secretaria Municipal de Saúde. O COMSAM está dividido em três segmentos: “gestores/prestadores”, “trabalhadores” e “usuários”. Durante a VII Conferência Municipal de Saúde, ocorrida em junho deste ano, foram eleitas as entidades que fariam parte do segmento “usuários”, Coontrat Brasil, Comunidade Evangélica Batista, Igreja Batista, Igreja do Evangelho Quadrangular, Associação Comunitária Santo Antônio, Paróquia Menino Deus e M. M. SOCEG (Movimento das Mulheres Solitárias do Residencial Almir Gabriel). Outras três permaneceram: MOHRAN,AMORAG e ADSMAR. O Prefeito Bertoldo Couto prestigiou o evento e declarou que “quando o Conselho critica os problemas

encontrados na área da Saúde no município, o mesmo está participando de forma democrática e contribuindo para a melhoria no atendimento no setor”, disse, após ter parabenizado o trabalho desenvolvido pela composição anterior do COMSAM. A gestora da Secretaria Municipal de Saúde e presidente do Conselho de Saúde do município, Dra. Luana Rodrigues, também parabenizou e agradeceu a colaboração e os trabalhos pela saúde de Marituba dos conselheiros. A secretária destacou que a principal função de um Conselho de Saúde, de acordo com a lei 8.142/90, é “atuar na formulação de estratégias e no controle de políticas públicas de saúde que beneficiem a população e que seja independente e imparcial em suas decisões”. O representante da nova composição do Conselho Municipal de Saúde de Marituba, Dilermando Serrão, afirmou que os membros “irão atuar conjuntamente, buscando sempre a efetivação das propostas elaboradas durante a VII Conferência Municipal de Saúde, realizada em junho, para garantir os princípios do SUS”.


A14

edição de 15/07 a 15/08/2011

A3

edição de 15/07 a 15/08/2011

OPINIÃO

CURIOSIDADES ROTARY EM AÇÃO

Lilian Santana

Encontro Distrital A coordenadora distrital das casas da amizade, Luzia Santana, participou em São Paulo (Higienópolis), reunião regulamentar com a coordenadora nacional das casas da amizade, Neuza Bakuri, nodia 17 de agosto. Nesta reunião são repassadas as novas diretrizes do próximo ano. As ex coordenadoras Marlene e Emerlina Albuquerquer também estiveram presentes, participando da reunião do conselho diretor das casas da amizades nacional.

Visita Ilustre O governador do Distrito 4720 para o ano rotário 2011/12, Arno Voigt, realizou sua visita oficial ao RC Ananindeua na sexta-feira, 26. Trouxe em sua companhia a esposa Soldi Voigt e a mensagem de otimismo aos companheiros do clube, desejando-lhes mais um ano rotário voltado para objetivos de Rotary. Voigt é do Rotary Clube de Rolim de Moura e esta é a segunda vez que assume a governadoria do distrito. Depois de participar de uma reunião administrativa com o conselho diretor do RC de Ananindeua, que tem como atual presidente o companheiro José Maria Bastos, Arno Vougt foi recepcionado pelos companheiros do clube com um jantar em uma churrascaria do município O Rotary International está presente em 213 países e regiões do planeta trabalhando pela paz e compreensão mundial, e sua força de trabalho vem através de seus sócios e de forma voluntária. Arno e sua esposa Soldi Voigt estão empreendendo viagens para os diversos estados da Amazônia (abrangência do distrito 4720) para atender uma vasta agenda de trabalho que só terminará no mês de dezembro.

LUZIA SANTANA

WASHINGTON MIRANDA E GERALDO ROCHA Novo Clube Ananindeua Centro. É assim que se chama o novo clube de Rotary criado no município e que tem como primeiro presidente o conceituado empresário do ramo imobiliário Washington Miranda. Começou ativo e robusto, com quase 30 associados. Sua Carta de Constituição foi entregue pelo governador do ano rotário passado, Geraldo Rocha Cavalero de Macedo Pereira Filho, durante jantar festivo em uma churrascaria da cidade. Presentes as mais expressivas figuras do município de Ananindeua, entre os quais o presidente da Assembléia Legislativa, Dep. Manoel Pioneiro, que é sócio do RC Ananindeua

EXPANSÃO E DESENVOLVIMENTO DO QUADRO SOCIAL O desenvolvimento do quadro social e a expansão do RI são a essência de nossa organização. A força dos Rotary Clubs e de sua associação internacional depende de nossa capacidade de atrair novos sócios qualificados. O crescimento do movimento rotário depende da continuidade dos esforços envidados para criar novos Rotary Clubs e ampliar o alcance dos serviços que prestem.

A necessidade contínua de propor novos sócios qualificados recai sobre cada um de nós, uma obrigação intrínseca ao privilégio de fazer parte do quadro social de um Rotary Club. O RI oferece a clubes e distritos o Prêmio por Desenvolvimento do Quadro Social e Expansão. Este prêmio incentiva a ampliação do quadro social dos clubes existentes, o trabalho para evitar baixas e o estabelecimento de novos clubes.

Os distritos que atingirem ou excederem sua meta de crescimento também receberão reconhecimento. Após 15 de maio, cada governador de distrito enviará ao RI os seguintes dados: o clube no distrito com o maior percentual de crescimento o clube no distrito com o maior número de novos sócios o clube no distrito com o menor percentual de baixa de sócios os clubes no distrito que patrocinaram novos

HÁ UM RIO POR BAIXO DO AMAZONAS “A linha de água permanece subterrânea desde sua nascente, só que não tão distante da superfície. Tanto que temos relatos de povoados daquele país, instalados na região de Cuzco, que utilizam este rio para agricultura. Eles sabem desse fluxo debaixo de terrenos áridos e por isso fazem escavações para poços ou mesmo plantações”, disse citado pelo site da Globo Valiya Hamza, coordenador do trabalho de doutoramento da investigadora Elizabeth Pimentel, que está a estudar este novo rio.

Existe uma corrente de água subterrânea por baixo do rio Amazonas, no Brasil, e chama-se Hamza. A 4000 metros de profundidade um fluxo de água muito mais lento do que aqueles que se vêem à superfície, inicia a viagem nos Andes e termina no oceano Atlântico. O rio Hamza nasce na cordilheira dos Andes, ainda no Peru, na mesma região do Amazonas e viaja em direcção a Leste.

PP REGIONAL DISCUTE REFORMAS EM TRAMITAÇÃO NO CONGRESSO NACIONAL

A descoberta feita pela equipa do Observatório Nacional do Brasil foi apresentada agora no 12º Congresso Internacional da Sociedade Brasileira de Geofísica. Os cientistas utilizaram nesta investigação os 241 poços perfurados durante a década de 1970 e 1980 pela empresa de petróleo brasileira Petrobras. Através da mudança de temperaturas que existe a uma certa profundidade, descobriram o rio subterrâneo. Segundo o estudo, a água cairá na vertical até os 2000 metros de profundidade e depois segue na horizontal até uma profundidade máxima de 4000 metros.

Casa da Amizade No dia 9 de agosto foi realizada na casa da amizade de Ananindeua uma reunião com as esposas de rotarianos do recém criado Ananindeua Centro. O motivo foi a possível criação da casa da amizade daquele clube. Na reunião foram repassadas pela coordenadora distrital Luzia Santana, todas as informações necessária para sua implantação. INSCRIÇÃO PARA BOLSAS EDUCACIONAIS 2012-13 1º de outubro é o prazo final para envio das inscrições de bolsistas do seu distrito para a Fundação Rotária. Para mais informações consulte o site: http://www.rotary.org/pt/StudentsA ndYouth/EducationalPrograms/Am bassadorialS cholarships/Pages/About.aspx clubes Cada um desses clubes receberá um certificado de reconhecimento assinado pelo presidente do RI. Além disso, os governadores dos distritos que atingiram ou excederem suas metas distritais de crescimento até 15 de maio receberão reconhecimento. Consulte sobre esta e outras premiações no site: http://www.rotary.org/pt/Members/G eneralInformation/Awards/Pages/Aw ardsfor

“O sentido deste fluxo é de oeste para leste, iniciando na região de Acre, passando pelas bacias do Solimões, Amazonas e Marajó”, explica o comunicado de imprensa do observatório. O fluxo de água subterrânea alcança uma largura entre 200 e 400 quilómetros, por comparação a largura do rio Amazonas varia entre um e 100 quilómetros. Já a velocidade do rio Hamza, que recebeu como nome o apelido do líder da investigação, é bem mais lento do que o seu homónimo da superfície. O fluxo subterrâneo é de entre 10 a 100 metros por ano, enquanto a água do Amazonas viaja entre 0,1 e dois metros por segundo. O Hamza chega ao Atlântico numa região adjacente à foz do Amazonas, os cientistas pensam que as suas águas tornam aquela região do oceano menos salgada, o que permite uma fauna única. A investigação vai continuar. “Vamos continuar nossa pesquisa, porque nossa base de dados precisa ser melhorada. A partir de Setembro vamos buscar informações sobre a temperatura no interior terrestre em Manaus e na Rondônia. Assim vamos determinar a velocidade exacta do curso da água”, disse o investigador.

“A legislação eleitoral brasileira vai completar um século, e as reformas que ora tramitam no Congresso Nacional fazem parte de um grande esforço, uma tentativa de se mudar as regras da condução política no Brasil”, disse o professor José Luciano Dias, mestre e doutor em Ciência Política da Fundação Milton Campos, por ocasião do Encontro de Formação Política do Município de Ananindeua realizado na manhã do dia 20 de agosto, no plenário da Câmara Municipal. O encontro foi promovido pelo Partido Progressista (PP), que é presidido em Ananindeua pelo advogado Antonio Cabral Vicente Junior, e reuniu políticos de várias agremiações partidárias, líderes comunitários e representantes da sociedade organizada. Entre os presentes estavam todos os deputados que integram a bancada de Ananindeua na Assembléia Legislativa: Manoel, Pioneiro (PSDB), atual presidente da Alepa; Eliel Faustino (PR), Francisdo das Chagas (Chicão – PMDB), que deixou

o parlamento para ser secretário estadual de transportes, na cota do seu partido; e o deputado federal Gerson Peres, presidente regional do PP. Na platéia, políticos da maior expressão, como os vereadores Carlito Begot (único representante do PP no plenário da Câmara), Rui Begot (PR), e Paulo Couto (PPS), presidente da Câmara Municipal de Marituba; e ex-parlamentares como Papai Reinaldo, Neto Vicente, Luiza Telles e Eugênio Serrão, que já foi presidente da CMA, além de grande número de lideranças comunitárias e militantes do PP. O objetivo do encontro, ressaltou o principal orador do dia, foi “contribuir para melhor conhecimento e conscientização de agentes políticos elaboradores e aplicadores das leis, assim como, lideres comunitários, presidentes de partidos e representantes da sociedade em geral, acerca da reforma política em tramitação no Congresso Nacional, propondo um amplo debate sobre as mudanças necessárias no sistema político e partidário tão retrógrado e conivente com a corrupção, o fisiologismo e preconceito cultuados na sociedade”. No entendimento do professor José Luciano, que além de diretor da CAC Consultoria Política também é consultor da secretaria geral do Partido Progressista, “o povo precisa saber o que é e como fazer política. Saber sobre as implicações que podem ocorrer com o fim das coligações proporcionais e, sobretudo, como vai funcionar o sistema de financiamento público de campanhas, que no nosso entendimento é uma das principais armas para, pelo lemos, limitar a corrupção no Brasil”, garantiu.

História do partido tem como base a democracia O Partido Progressista – PP esteve sempre presente na vida política do país vencendo barreiras e sempre empenhado em contribuir com a democracia brasileira. Sua origem é resultado da fusão de agremiações notadamente envolvidas com a responsabilidade na política brasileira. De um lado, o Partido Democrático Social – PDS, considerado um dos maiores partidos políticos da história brasileira, fundiu-se com o Partido Democrata Cristão – PDC historicamente envolvido em movimentos reformistas na área social e econômica, formando o Partido Progressista Reformador – PPR. Por outro lado, o Partido Social Trabalhista – PST incorporou-se ao Partido Trabalhista Renovador – PTR formando daí o Partido Progressista – PP. Em 1995, o Partido Progressista-PP e o Partido Progressista Reformador – PPR, atentos a seus quadros, às transformações

sociais, unem suas forças políticas para formar o partido Progressista Brasileiro, o PPB. Em grande Convenção Nacional realizada em 4 de abril de 2003, em Brasília, reunidas as mais expressivas lideranças nacionais do PPB, deliberou-se por orientar o partido para ações que prezassem os princípios da solidariedade, justiça, pluralismo de idéias e o respeito à dignidade humana pela inclusão social, além da valorização das atividades econômicas, especialmente no que diz respeito às micro e pequenas empresas, à agricultura, e aos agronegócios. Decidiu-se também, nessa convenção, denominar-se o PPB Partido Progressista – PP. O partido declara-se aberto a todas as lideranças e cidadãos cujas convicções estejam representadas em seu programa e em seus princípios e objetivos. E seus dirigentes garantem que o PP sempre exercerá suas atividades nos limites definidos pelo estado democrático de direito.

AULA O PSDB que aguarde. O Partido Progressista (PP) plantou um pé de “cá te espero”. Foi assim que Gerson Peres, presidente estadual do partido, referiu-se matreiramente ao fato de o partido ainda estar fora da base de sustentação do governo, chamamento que aguarda desde a posse de Simão Jatene. Aliás, o cametaense roubou a cena durante o Encontro de Formação Política que o PP realizou, ao fazer uma explanação sobre o atual momento político, inclusive dando uma verdadeira aula sobre a questão da divisão do Estado, fato que é radicalmente contra. Mereceu aplausos, e muitos, de todos os presentes. SURPRESA Pelo trabalho que o ex-vereador Antonio Junior está fazendo para organizar o PP, e fazê-lo crescer, não será surpresa se o partido alcançar um desempenho extraordinário nas próximas eleições municipais. Com ajuda da ala jovem, o Partido Progressista está empenhado na implantação de diretórios de bairros. A estratégia permite a captação de novas lideranças, além de garantir a presença do partido em toda área territorial do município. INSONIA Dirigentes do PR não escondem preocupação com o desempenho que o partido possa ter nas eleições de 2012. Algumas lideranças, tidas como grandes “puxadores” de votos, não vão participar do pleito. Alguns porque deixaram o partido, outros porque alcançaram vôos mais altos, como é o caso de Eliel Faustino, que se elegeu deputado. Substituir essas lideranças até a convenção tem sido o motivo da insônia de alguns “caciques” da agremiação PODIUM Não bastasse a qualidade (péssima, por sinal) da água fornecida pela Cosanpa, a empresa está disputando com a Rede Celpa e as prestadoras de serviços de telefonia o “podium” do pior serviço prestado à população. Colaborador da coluna que pagava taxa de R$ 36 pelo consumo mensal, teve esse valor acrescido em mais de 200%. No escritório da empresa, na cidade nova, onde foi reclamar, ouviu a justificativa: o aumento teve como base a valorização do seu imóvel. Quem mora em casa bonita, tem que pagar mais caro. COSANPA O escritório da empresa na cidade nova, aliás, por incrível que pareça continua ocupando as mesmas instalações que ocupou por ocasião da criação do complexo habitacional, há quase 30 anos. Só que não se ampliou para atender a demanda. Área para expansão até existe, mas os usuários continuam sendo atendidos num cubículo de quatro metros quadrados, onde se espremem para ser recebidos, quando precisam resolver assuntos de seus interesses, como as reclamações pelos aumentos abusivos. MAIS COSANPA Aliás, além do espaço pequeno, ainda existe a questão dos funcionários, que são em número insuficiente para atender a quantidade de usuários que procura a empresa, diariamente. O que é pior é que não existe distribuição de senhas nem atendimento preferencial a idosos e gestantes. Dá pra calcular o sacrifício que sofre quem precisa reclamar do péssimo serviço que a empresa impõe aos usuários.

EMPURRÃO O prefeito Helder Barbalho, ao que tudo indica, resolveu retaliar e facilitar as coisas para que o Partido dos Trabalhadores (PT) acelere o desembarque da sua base de sustentação. Pelo menos é o que se deduz pelo fato de ter determinado o cancelamento do contrato de um caminhão baú pertencente a um ex-vereador petista, que prestava serviços à PMA. Só falta agora o proprietário de o veículo entregar o cargo de secretário “fazde-conta” que ainda mantêm na administração municipal. CALMA, CARLITO Carlito Begot, único representante do PP na Câmara, não se sabe ainda a razão, resolveu assestar suas baterias contra a direção da casa. Resultado é que entrou em rota de colisão com a presidente e está ficando isolado pelos colegas em plenário. Além de não participar das reuniões que Ray Tavares promove com os vereadores rotineiramente para discutir questões da área administrativa, tem sido frequente as “espetadas” verbais de Carlito contra a presidente da casa.

CALMA CARLITO (1) Em sessão recente o vereador boa praça acabou pagando maior mico quando “cobrou” da mesa diretora seus “tiktes alimentação”, com os quais diz contemplar alguns eleitores, e que no seu entendimento haviam sido cortados por determinação da presidente. Serenamente, Ray Tavares o corrigiu e teve que lembrá-lo que o regimento interno da casa não contempla (e seria até um absurdo, se fosse o contrário, diante das mordomias que já recebem) parlamentares com o benefício, sendo ele distribuído somente aos funcionários e assessores. Ele ficou sem graça, disfarçou e saiu de fininho. Se tivesse consultado os assessores, teria dormido sem essa. COCORICÓ Paulo Macedo, o Louro Frango (PT do B), assumiu o mandato de vereador no lugar de Eliel Faustino, eleito para o legislativo estadual, dizendo que queria aprender para lutar pelo “povo sofrido” do distrito industrial, onde tem sua base de sustentação política. O aprendizado tem sido muito lento. Seu mandato completou seis meses e o “eleitor sofrido” não ouviu ainda o cocoricó a seu favor. O trabalho do vereador até hoje foi distribuir títulos honoríficos. E só.


A4

edição de 15/07 a 15/08/2011

APAGÃO DEPUTADOS VÃO QUESTIONAR REDE CELPA POR MÁ QUALIDADE DE SERVIÇOS Por iniciativa do deputado Eliel Faustino (PR), o plenário da Assembléia Legislativa aprovou a realização de uma audiência pública, com representantes da Rede Celpa, para investigar e discutir as causas das constantes interrupções no fornecimento de energia elétrica na Área Metropolitana de Belém. A data ainda vai ser definida. A classificação da empresa como a pior do ranking da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) e o apagão ocorrido recentemente na ilha de Mosqueiro, foram o estopim para que o serviço prestado pela Rede Celpa recebesse uma série de críticas dos parlamentares presentes em plenário. Faustino pediu o apoio dos demais parlamentares para, durante a audiência, cobrar da companhia uma explicação sobre as causas

das frequentes interrupções e, sobretudo, a falta de respostas às reclamações dos usuários. Segundo relatório da Aneel foram registradas 14.015.391 ocorrências individuais de interrupção de fornecimento de energia no ano passado, no Estado. A distribuição do número de registros pelo de consumidores permite dizer que cada um ficou na escuridão pelo menos oito vezes no ano. “Sabíamos que era ruim, mas não sabíamos que era o pior. Gostaria de ter o apoio dos demais membros desta casa para fazermos a cobrança”, disse Eliel Faustino. O clamor do representante ananindeuense foi imediatamente encampado pelo deputado Celso Sabino, que atentou para o descumprimento das regras de concessão do serviço público de energia. “Sempre recebo

reclamações de moradores do Parque Verde, Bengui, Tapanã. Esta casa precisa vestir seu uniforme de batalha para defender a população”, afirmou.

AUDIÊNCIA PÚBLICA CONDENA SERVIÇOS EM MARITUBA O presidente da Câmara de Marituba, Paulo Couto (PPS), disse que “a função social da Rede Celpa não está sendo cumprida no município”. Marituba tem mais de 60% de seu território constituído de áreas de invasão, algumas delas com cerca de 20 anos de existência, e a empresa até hoje se recusa a implantar postes de iluminação pública nestes locais. O desabafo do vereador aconteceu por ocasião da audiência pública realizada no plenário da Câmara, no dia 17 de agosto, quando moradores e parlamentares discutiram e encaminharam pedido de providências à empresa concessionária de energia elétrica na região, questionando taxas absurdas e o péssimo serviço ofertado à população. Representantes da Rede Celpa também estiveram presentes, assim como representantes do Ministério Público e do Procon – organismo encarregado da proteção e defesa do consumidor. A população se diz desfavorecida com o serviço ofertado pela Rede Celpa. São muitas as reclamações que vão desde os aumentos abusivos, cortes sem aviso, juros indevidos e até falta de atendimento às famílias residentes nas áreas de invasão. “Toda população sofre com a negligência

da empresa, mas a população de baixa renda tem sido a mais prejudicada. E é justamente esse segmento da sociedade que precisamos defender”, disse Paulo Couto. O presidente da Câmara, que teve sua moção para a realização da audiência pública aprovada por unanimidade em plenário, se disse perplexo e sem entender o por que de os moradores da região norte, especialmente os de baixa renda, ter que pagar um preço absurdo pela energia fornecida se a empresa esta justamente localizada em nossa região. Também questionou o fato de que uma família que vive de salário mínimo tem que desembolsar de 50% a 100% de seu ganho com despesa de energia elétrica. Os representantes da Rede Celpa assumiram o compromisso de submeter as contas a uma análise rigorosa e, se ficar constatado a aplicação de aumentos abusivos, fazer os ressarcimentos dos valores cobrados a mais. . A recusa da empresa em implantar pontos de iluminação pública nas áreas de invasão tem como base o fato de que os moradores não possuem título de propriedade das terras. Isso gera grandes transtornos dentro da prefeitura, que é acusada de ser a principal culpada pela falta da iluminação que, na verdade, é de sua responsabilidade. Mas Paulo

Couto joga por terra essa desculpa da Rede Celpa, afirmando que uma coisa não tem nada a ver com a outra. “A questão é o poste. Não tendo poste, a prefeitura não pode implantar os pontos de iluminação”, desabafa. Paulo Couto apresentou documentos contábeis que mostram a Rede Celpa em débito com a prefeitura, pelo não recolhimento de impostos, no período que vai de 2008 até o ano em curso, e garantiu que a finalidade da audiência pública foi buscar melhoras no atendimento a população. “Enquanto vereadores, somos a voz do povo. E esse povo só está em busca de seus direitos como cidadãos”, disse, assegurando que o encontro serviu para que a empresa fizesse uma prestação de contas com a Câmara, a prefeitura e especialmente com a população. “Foi a forma que encontramos para questionar todas as pendências e exigir a busca de soluções”, disse Paulo Couto.

A13

edição de 15/07 a 15/08/2011

CIDADE PRESIDENTE DILMA ANUNCIA PÓLOS DA UFPA E DO IFPA EM ANANINDEUA A presidente Dilma Rousseff anunciou formalmente a terceira fase do programa de expansão da Rede Federal de Educação Superior no Brasil. Será criado o novo campus da Universidade Federal do Pará (UFPA), em Ananindeua, e uma unidade do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec), por meio do Instituto Federal do Pará (IFPA).

RONALDO SEFER RECEBE HOMENAGENS DOS AMIGOS PELO SEU ANIVERSÁRIO

A previsão é que a instalação dos pólos UFPA e IFPA em Ananindeua seja na Granja do Icuí, antiga residência do Governador. O reitor da UFPA, Carlos Maneschy, indicou que a intenção é de conclusão do campus em 2012. Distrito Federal. Eles se Segundo a presidente, o objetivo é comprometem com o governo promover a interiorização do acesso federal a oferecer terrenos para a à universidade e ao ensino técnico. instalação de unidades de educação "Levar a educação para o interior do Brasil é o mesmo que construir um profissional em suas cidades. caminho para o desenvolvimento e para o conhecimento, para que esses jovens sejam capazes de produzir a inovação que precisamos", disse Dilma. O ministro da Educação, Fernando Haddad, informou que os locais para as novas universidades e institutos federais foram definidos de acordo com as necessidades das regiões e a expansão faz parte de um esforço de vários ministérios para erradicação da miséria. Na ocasião, os prefeitos dos municípios beneficiados assinaram termos de compromisso para a construção de 120 unidades de institutos federais nos municípios beneficiados em 26 Estados e no

“É um momento histórico para o nosso estado. Torna-se realidade o início do caminhar para a nossa tão sonhada universidade pública”, comemorou o prefeito de Ananindeua, Helder Barbalho. Ele lembrou que, além de atender à população do município, a criação do multicampus será também uma forma de promover ensino público gratuito a estudantes dos municípios que compõe a Região Metropolitana de Belém.

tiveram ao pleitear junto ao Ministério da Educação a prioridade para implantação de novas universidades federais no Pará. “Isto projeta a oportunidade de darmos mais possibilidades aos paraenses para que, por meio do ensino superior, possam transformar não apenas suas vidas mas as vidas daqueles que convivem com eles”, comemorou Maneschy.

A deputada Elcione Barbalho (PMDB), que acompanhou todo o processo de negociação para que a expansão das unidades federais fosse realizada, comemorou a conquista. “Nós conhecemos muito bem a situação do nosso Estado, as dificuldades para enfrentarmos as O reitor da Universidade Federal do desigualdades sociais, e acho que a Pará, Carlos Maneschy parabenizou educação é, sem dúvida, o melhor a bancada paraense pelo esforço que caminho”, destacou.

VISITE NOSSO SHOW ROOM! - LOJA-8

(91) 8279-9474 cosmeticosmb@hotmail.com

O médico, empresário e vereador Ronaldo Sefer recebe justas e merecidas homenagens pelo transcurso de seu aniversário natalício, no dia 3 de setembro. Militante na política partidária há 17 anos, Sefer desempenha com seriedade e competência seu segundo mandato de vereador pelo Partido da República (PR). O ilustre aniversariante já desenvolveu seu trabalho profissional como cirurgião no Instituto Ofir Loiola, mas está vinculado atualmente ao Ministério da Saúde e também é o Diretor Clínico do Hospital de Clínicas de Ananindeua, onde é estimado e muito querido pelo quadro funcional e por todos os que procuram aquela unidade de saúde em busca de atendimento. Na Câmara Municipal é o líder da bancada de seu partido e também presidente da Comissão de Saúde da casa. Por sua conduta exemplar e desempenho competente em suas atividade tanto como médico como político, Ronaldo Sefer é merecedor das homenagens que lhes serão prestadas pelos amigos, ao somar mais um ano de vida.


A12

edição de 15/07 a 15/08/2011

edição de 15/07 a 15/08/2011

A5

ESPORTE

CIDADE

CIRCUITO DE CORRIDA DE RUA DA OAB EM ANANINDEUA TEM MAIS DE 700 PARTICIPANTES

Após a corrida, Sebastião Pinheiro, advogado de Ananindeua, elogiou a organização e programação da corrida,

EMPRESÁRIOS E COLABORADORES

parabenizando todos os colegas de profissão que apoiaram o evento. “Estou muito feliz com este primeiro evento aqui na nossa cidade, através da administração do dr. Jarbas, que tem sido muito boa”. O evento já está na sua 4ª etapa. As três primeiras foram realizadas em Santarém, Paragominas e Marabá, no primeiro semestre, sendo que a última etapa ocorrerá em Belém, no dia 28 desse mês. “É o primeiro circuito de corridas de abrangência estadual, alcançando o estado como um todo, incentivando o esporte e o turismo", admitiu José Alberto Vasconcelos. O coordenador do Circuito da etapa de Ananindeua, Carlos Couto, se emocionou ao falar de um evento tão grandioso como esse. “Pela primeira vez em Ananindeua estamos inserido num circuito de corrida desse porte, o evento foi um sucesso”

Fotos: Paula Lourinho

A OAB-PA promoveu no domingo, 7 de agosto, em Ananindeua, a 4ª etapa do I Circuito de Corrida de Rua da OAB-PA 2011. Estavam inscritos aproximadamente 700 pessoas, que largaram às 7h15, em frente ao Ginásio Abacatão, e fizeram um percurso de 8 quilômetros. A corrida foi realizada em homenagem ao Dia dos Advogados. “O objetivo foi congregar os advogados, e trazer incentivo à prática esportiva entre eles”, disse o coordenador do Circuito, José Alberto Vasconcelos. Considerada um sucesso de público, o p r e s i d e n t e d a O A B - PA , J a r b a s Vasconcelos, explicou que a corrida foi um momento para proporcionar bem-estar aos advogados e à comunidade, que carecem cada vez mais de tempo para lazer e esporte. “Todos nós temos direito, sejam trabalhadores ou empregadores, à atividade física e ao lazer. Isso é um direito Constituicional”.

VEREADORA SE DESTACA ENTRE PARLAMENTARES

As premiações do Circuito, para a categoria geral, masculino e feminino, serão duas motos da Mônaco aos primeiros colocados, dois note books aos segundos e duas TV LCD 20 ofertadas pela Sol Informática aos terceiros. Texto: Sheila Faro

BASQUETE EM CADEIRA DE RODAS DO PARÁ TREINA PARA A SELEÇÃO BRASILEIRA As jovens atletas do basquete paraense em cadeira de rodas começaram o treinamento para a pré-convocação, na segunda etapa de treinamento, da Seleção Brasileira Feminina da modalidade, realizado pela Confederação Brasileira, com objetivo de participar dos Jogos Parapan-Americanos de 2011, que acontecerão na cidade de Guadalajara, no México, de 13 a 20 de Novembro. Serão 12 paraenses com idades de 19 a 30 anos, que estarão tentando vaga na delegação do Brasil. Para o treinador Wilson Corrêa, mais conhecido como Caju, a expectativa é positiva. “Ano passado tínhamos dez mulheres do Estado, das doze do Brasil, no ParaPan do Rio de Janeiro. Desta vez queremos repetir esse número ou aumentar a nossa participação. As nossas atletas são nacionalmente respeitadas”, disse.

Todas elas integram o “All Star Rodas”, projeto que trabalha com todas as modalidades esportivas voltadas para pessoas com algum tipo de deficiência, como o basquete, e que é apoiado pela Secretaria de Estado de Esporte e Lazer. Essas atletas praticam o esporte há cerca de seis anos e treinam todos os dias da semana. Segundo a diretora técnica da Seel, Claudia Moura, esse evento irá possibilitar ao esporte paraense mais uma chance de participar de grandes eventos. “Com as meninas do basquete em cadeira de rodas vamos estar em um campeonato muito importante para o mundo do esporte. Será mais um grande passo dessas atletas e do Estado também”, garantiu. Antes do Parapan-americano, o Pará também irá competir no Brasileiro Feminino de Basquete em cadeira de rodas, que será realizado entre os dias 7 a 11 de setembro deste ano.

ACIA CRIA PROGRAMA PARA CAPACITAR A Associação Empresarial de Ananindeua/Acia, através do Centro de Capacitação Empresarial /Capacite, traz uma grande novidade para este ano, a criação do Programa Capital Intelectual. Coordenado pela empresária Rúbia Campos, diretora de capacitação da entidade, o programa, que teve início no primeiro semestre de 2011, objetiva desenvolver as habilidades e competências administrativas de gestores e colaboradores das empresas, em todas as áreas. Grandes administradores e consultores empresariais do mercado ministram cursos nos quais gestores e colaboradores desenvolvem temas e constroem soluções, sugestões de melhorias, idéias que geram crescimento e desenvolvimento. De acordo com Rúbia, o diferencial do Programa é a capacidade que todos têm, o potencial e a vontade de crescer e a Acia está proporcionando a oportunidade para isto de forma prática e acessível. “A Acia, que já é referência em Capacitação Empresarial, cumpre sua missão e supera as expectativas, trazendo a experiência dos melhores profissionais do mercado, pelo menor investimento já praticado, para contribuir

Governo e público

com nossas empresas e Certifica àqueles que investem em seu potencial humano”, afirma. Para participar do Capital Intelectual basta inscrever pelo menos um gestor e 20% da equipe administrativa da empresa. Os participantes recebem o Selo de Qualidade, em forma de troféu- desenvolvido por Lassance Maya, e certificados em cada módulo. Não associados também poderão participar eventualmente de algum curso, mas não participarão do Programa. O programa já iniciou o segundo semestre com o curso “Planejamento Estratégico” e tem sua agenda completa até o final do ano.

Senador pede solução para crise no Evandro Chagas Merece destaque o trabalho desenvolvido pela vereadora tucana Francy Pereira. Suas ações sociais podem ser vistas e avaliadas pelo trabalho que desenvolve, juntamente com sua equipe, nos Centros de Atendimento às Comunidades – CACs – dos bairros da Guanabara, Jaderlândia, Icuí e Distrito Industrial. Esse trabalho foi intensificado a partir da reeleição do grande líder de seu partido, deputado Manoel Pioneiro (agora o presidente da Alepa) que, com a ajuda e liderança de Francy Pereira, foi campeão de votos no município de Ananindeua. Agora, a vereadora colhe os frutos do trabalho que fez durante a campanha eleitoral, pois tem recebido para seu atendimento através dos CACs todo o apoio necessário de Manoel Pioneiro.

O senador Flexa Ribeiro (PSDB-PA) pediu que o Governo Federal marque reunião para tratar da situação do Instituto Evandro Chagas (IEC), considerada gravíssima, segundo classificou o parlamentar paraense. Dezenas de pesquisadores estão há cerca de cinco meses sem receber seus salários. Há quase três semanas, o parlamentar paraense busca marcar uma audiência com o Ministério da Saúde e Casa Civil do Governo Dilma. “Peço inclusive que o líder do PT nesta casa, senador Humberto Costa, possa ajudar a sensibilizar o Governo para esta causa e estamos aqui de prontidão para encontrar o melhor caminho possível para resolver esse problema”, disse Flexa, sob o olhar do senador Humberto Costa (PT-PE), líder do PT no Senado. “Temos no Estado do Pará alguns centros de excelência em suas áreas de atuação, principalmente para a geração de conhecimento na Amazônia. Entre eles está o Instituto Evandro Chagas, uma instituição de 75 anos de existência e

que revela todo o empenho e esforço de pesquisadores em enfrentar as adversidades e gerar maior conhecimento na nossa região, tão carente de pesquisas nacionais”, destacou Flexa. O parlamentar paraense destacou ainda que o IEC é referência nacional em monitoramento da Gripe A em toda região Norte. Também é referência em febre amarela, dengue e rotavirose. “Se parar, teremos sérios problemas nessas áreas e quem vai sofrer diretamente é a população. Muitos buscam o IEC para a solução de problemas relacionados à saúde, desde pessoas enfermas, encaminhadas à instituição sem diagnóstico, até gestores nas diferentes esferas de órgãos públicos e privados. É um serviço imprescindível ao Pará, para a Amazônia e todo o Brasil”, completou. Para Flexa Ribeiro, fortalecer o Instituto Evandro Chagas – assim como outras instituições de pesquisa, como o Museu Goeldi – é um passo no caminho de tornar, efetivamente, a Amazônia uma prioridade para o Brasil. “Sabemos que investir em ciência e tecnologia na Amazônia é estratégia para o nosso País e parece sempre algo distante e grande demais para ser executado com ações simples. Mas, porque não dar um passo de cada vez? Um deles está claro: fortalecer o Instituto Evandro Chagas. Eles não só prestam serviço de atendimento e pesquisa, mas orientam e inspiram outros jovens a estudar a Amazônia. É assim, passo a passo, com ações simples e eficazes, que o país estará cumprindo metas e mostrando que tem uma estratégia onde de fato – e não apenas no discurso – a Amazônia é valorizada”, disse.

Por motivos históricos a sociedade civil vem sendo construída. E tal fato dificulta a diferenciação entre governo e público. Dessa forma somos levados a entender o publico como aquilo que esta na gerencia do estado. Em conseqüência esperamos sempre que o governo tome a iniciativa,esquecemos de nossa responsabilidade enquanto coletividade,desconhecemos nossa força como sociedade civil organizada .a construção do publico a partir da sociedade civil,requer um rompimento com essa tradição,alem do compromisso com uma nova atitude e responsabilidade de desenvolvimento de capacidade de pensar, agir coletivamente e de respeito as diferenças . No Brasil, a construção da cidadania, significando afirmação e reconhecimento de direitos exige um processo de transformação das praticas sociais enraizadas na sociedade como um todo, já dizia o nobre prof. Edir Veiga em suas aulas sobre ciência política, esse processo é um aprendizado social de novas formas de relação entre cidadãos sujeitos-sociais ativos e o estado. Esta visão equivocada deve ser transformada no espaço da nossa sociedade O termo público surge no império romano .porém, a conceituação do que seja público remonta à civilização grega. Na polis grega o espaço público é a esfera de ação do cidadão, é o espaço onde se compete por reconhecimento, precedência e aclamação de idéias. Com o surgimento dos estados nacionais modernos no final do século xv, este significado sofre transformações. Concorrentemente à consolidação do estado, ocorre o surgimento do mercado. Se o que regula as relações entre o estado e a sociedade são as leis, o que regula as relações entre os participantes do mercado é o contrato. A esfera privada. Surge e também, nesse momento, a dicotomia entre bens públicos e bens privados. Visto um pouco da evolução desse conceito ao longo da historia da cultura ocidental seria mister refletirmos em nossa visão e ação diante do que é publico e a relação com governo e em outra oportunidade poderíamos incluir o privado e traçarmos uma relação entre essas palavras. Tomando as características acima do surgimento do termo público poderíamos incansavelmente discutirmos sobre essa '' esfera de ação do cidadão'' e refletirmos o quanto ficamos distantes de compreender essa característica. Insta essa informação as decisões do governo pela sua própria missão são publicas, a criação de projetos,as decisões de implantação de programas sociais, construção de praças,hospitais escolas estão nessa esfera de ação. Portanto a sociedade civil deve postular,ou melhor assumir esse protagonismo cidadão, colocando em prática o reconhecimento e aceitação de idéias que possam convergir a ação do governo em coisa pública onde o cidadão preconiza os objetivos e finalidades. Vamos mobilizar. Convocar vontades e como sujeitos sociais ativos alinharmos as ações de governo seja federal,estadual,municipal ao interesse publico.governo e publico devem ser expressão de homogeneidade moral e política e de ausência de anonimato.transformar a nossa visão do que é publico é fundamental para o exercício da cidadania e conquistas sociais.


A6

edição de 15/07 a 15/08/2011

DROGAS

CULTURA Atendimento aos Domingos e Feriados até às 12:hs

Centro de Recuperação “Espaço Resgate” é inaugurado no Curuçambá O centro de recuperação Espaço Resgate, localizado no bairro do Curuçambá, foi inaugurado no dia 8 de julho. Membros da Igreja do Evangelho Quadrangular, o Pastor Pedro Tavares e a Pastora RayTavares comandaram o acontecimento que foi prestigiado por vereadores, autoridades municipais e amigos, entre os quais o prefeito Helder Barbalho.

O PREFEITO HELDER BARBALHO DEU POR INAUGURADO O NOVO ESPAÇO.

O projeto é resultado de uma luta de sete anos da pastora e vereadora Ray Tavares e tem como objetivo ajudar as pessoas que necessitam e querem se ver livre da dependência de drogas. O espaço trata da recuperação física e espiritual dessas pessoas, sem fazer distinção de sua ideologia religiosa. Qualquer pessoa que estiver precisando de ajuda, deve procurar a direção do projeto onde obterá informações de como pode usar os serviços da casa de recuperação.

Para meus filhos Alfredo Neto, Daniel e Frederick, e para meu cunhado Breno, que descobre a dor e a delícia de ser pai. Olha, eu não desconfio de que imensidão tu vieste! Mas, chegaste. Etéreo, a princípio, como deve ser próprio dos deuses, depois uma presença viva, encantada em corpo e alma. Desde cedo percebemos tua inquietude, expressa nos espasmos com que atiçavas a nave-mãe que te transportou por nove meses. Longo tempo aquele, cheio de sustos na madrugada, ida a médicos, desejos estranhos (me diga, faz sentido querer um pedaço de abacaxi às duas da madrugada?). No entanto, mesmo com os incômodos e as dores, ela parecia mais bela, humana e feliz. De vez em quando acariciava o ventre e eu imagino que tu rias, lá no aconchego da nave-mãe, pequeno deus. Agora, uma coisa: devia haver alguém que escrevesse um manual de instruções a teu respeito, para quando tu viesses, só assim não ficaríamos surpresos, abobalhados com cada pequeno gesto teu. Quando vieste em forma de gente, pouco importa se era abril, maio, dezembro, primavera, verão, outono, inverno, tudo que eu ouvia era meu coração apequenado, sofrente, diante da sala de cirurgia. Depois ouvi o teu choro e descobri que os deuses também choram, e que eu, pequeno humano, devia fazer o mesmo. Chorei. Depois, como um pequeno deus, foste tomando a forma de um rosto conhecido, um sorriso que eu já vira, uns gestos que eu lembrava – um dia olhei no espelho e me vi te vendo. Surpresa? Só se para os outros! Se eras um pequeno deus em carne, ossatura e alma, como é que não terias tal dom? Depois vieram as longas noites te olhando no berço, ninando na paz e na doença, embevecidos ou preocupados, eu e a navemãe. Como naquela vez em que foste ao hospital, eu cheguei de mansinho, peguei a tua mão e quase chorei. De repente a senti forte, apertando meus dedos, um sorriso discreto nos lábios, e vi que tua força era maior que a nossa, pequeno deus. Hoje, sentei-me à mesa da sala e resolvi escrever estas coisas ao acaso das palavras para me indagar de ti e de nossa felicidade em tê-lo alegre, ridente, pequeno deus de nossas alegrias. Talvez encontres algum dia esta carta – a mancha escura, sabe, foram lágrimas vertidas enquanto escrevia e imaginava o quanto foste um sonho, presença etérea, depois corporificada em gente, pequeno deus, meu filho. (Do livro PROANDUBAS, de crônicas, a sair).

A11

edição de 15/07 a 15/08/2011

End.: Conj. Guajará II, Trav. SN-21, nº 32 (esquina com a 4 Rua, Prox. ao Frei Samarati) Fone: 4107-2823 / 4107-2824 EQUIPE TREINADA E CAPACITADA PARA LHE OFERECER O MELHOR

Através de nossos Programas desenvolvidas atividades:

Entre outros, prestigiaram o evento o prefeito Helder Barbalho, o deputado estadual Chicão, pastor Josué Bengtson, pastor Paulo Queiroz, pastora Ray Carmona, vereadores Miro Sanova e Pedro Soares. O espaço construído às margens do rio Maguari e tem capacidade para abrigar até 350 pacientes, que vão receber orientação de profissionais e especialistas para conduzilos a uma vida saudável, distante do uso de drogas. Para o pastor Pedro Tavares, idealizador do projeto, não basta apenas cuidar da pessoa dependente, já que o trabalho de recuperação requerer o envolvimento de todos os seus familiares. “E isso é de fundamental importância no tratamento”, garante. Por isso, família do dependente terá todo um acompanhamento, já que ela também adoece junto com ele e precisa de profunda orientação para saber conduzir o problema após a fase de internação. Todo o tratamento, estadia, alimentação e até passeios promovidos pelo Es paço Resgate serão oferecidos gratuitamente para os pacientes e seus familiares.

O prefeito Helder Barbalho, por sua vez, disse que “graças a essa iniciativa, os dependentes terão oportunidade de ressocialização. Tenho a certeza de que, com o funcionamento do projeto conseguiremos uma significativa redução no índice de dependentes químicos não só em Ananindeua, mas em toda a Região Metropolitana”. O projeto, aliás, tem como parceiro a Prefeitura de Ananindeua. No local foram construídos, ao longo de sete anos, trinta apartamentos com aposentos coletivos, piscina, campo de futebol, restaurante com cozinha industrial, um espaço multiuso para celebrações, oficinas, salas para realização de cursos profissionalizantes e outras atividades que possam capacitar os internos. Para construir o Centro de Recuperação, o pastor Pedro Tavares contou com apoio da Igreja do Evangelho Quadrangular, que realiza o projeto “Labaredas de

Fogo”, reunindo palestrantes e cantores em um grande evento de avivamento. Este ano o “Labaredas de Fogo” foi realizado no centro de convenções Centenário da Assembléia de Deus, na Rodovia Augusto Montenegro e apresentou atrações como os pastores Silas Malafaia e o norte americano Steven Owens, além do grande show de André Valadão. Cerca de 15 mil pessoas compareceram nos três dias do evento, 08, 09 e 10 de julho. A vereadora Ray Tavares informou que a partir de agosto o “Espaço Resgate” começa a funcionar efetivamente com 70 internos. Numa segunda etapa, serão admitidos mais 150, e ainda mais 150 na terceira e ultima fase que completara a capacidade do centro. “Nossa idéia é que os internos cultivem hortas, dediquem-se a piscicultura, além de fazermos funcionar as oficinas, de modo que eles tenham todo o seu tempo preenchido, o que é muito salutar como atividade paralela ao tratamento clinico. Queremos realizar esse trabalho com fé e transparência. Para isso, os familiares dos pacientes poderão sempre acompanhar a vida deles, com visitas aos domingos. A atenção aos dependentes químicos será de maneira ampla. Todos receberão atendimento psicoterapeutico e religioso, além da terapia ocupacional, tudo de forma gratuita”, disse a pastora. A presidente da Câmara de Ananindeua também l lembrou das parcerias que serão de fundamental importância para a realização do trabalho e agradeceu a Igreja do Evangelho Quadrangular, mantenedora do projeto. Agradeceu também a participação dos pastores Josué e Carmona, do prefeito Helder Barbalho e de todos que colaboraram direta ou indiretamente para que o projeto se tornasse realidade. “O nosso mandato terá sempre esse comprometimento social e religioso com as pessoas que precisam de ajuda.”, garantiu. O centro está instalado em uma área com mais de 11 mil m², com estrutura formada por 30 dormitórios, 40 vestiários, restaurante com cozinha industrial, espaço multiuso e área de lazer com piscina, campo de futebol e academia ao ar livre. O “Espaço Resgate” conta ainda com uma equipe de 70 profissionais que irão atuar no tratamento dos dependentes.

Venda, manutenção e locação de transformadores

EXPERIÊNCIA FORENSE COMO PROMOTOR E PROCURADOR DE JUSTIÇA


A10

edição de 15/07 a 15/08/2011

A7

edição de 15/07 a 15/08/2011

CULTURA

AMAMENTAÇÃO

ANITA GEROSA É HOSPITAL AMIGO DA CRIANÇA de Saúde Pública, Helio Franco, que no ato representou o governador do Estado, Simão Jatene, revelou que nessas instituições as mães são orientadas e apoiadas para a amamentação desde o pré-natal até o puerpério, período que transita entre o nascimento do bebê e os seus dois primeiros anos de vida, aumentando, dessa forma, os índices de aleitamento materno exclusivo e continuado, reduzindo a morbimortalidade materna e infantil.

O Hospital Anita Gerosa, de Ananindeua, foi o 11° do Estado do Pará a receber o título de "Hospital Amigo da Criança". A entrega da placa aconteceu na quarta-feira, 3 de agosto, como parte da programação da Semana Mundial de Aleitamento Materno, realizada pela Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sespa). A certificação foi concedida após uma avaliação conjunta com o Ministério da Saúde e Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef), que atestou que o hospital cumpre os 10 passos considerados fundamentais para promover, proteger e apoiar o aleitamento materno. O diretor administrativo do Anita Gerosa, Rafael Vieira Lopes, lembrou que o título coroa o trabalho que vem sendo desenvolvido desde 2005, quando a Sociedade Beneficente São Camilo assumiu o comando da instituição. “Isso inclui também o empenho da Coordenação Estadual de Saúde da Criança em capacitar nossos funcionários. Enfim, foi todo um envolvimento coletivo voltado para o aumento do aleitamento materno e consequentemente a diminuição de mortalidade infantil", afirmou, ressaltando que se trata de uma conquista histórica para a saúde em Ananindeua. “O título é fruto de muito trabalho e planejamento de todas as entidades e setores dentro do hospital. Isso significa que oferecemos um bom serviço à comunidade, o que, obviamente, não significará uma fase de comodismo, mas sim de compromisso ainda maior com a redução da mortalidade infantil na região", complementou Rafael Lopes. A assessora técnica do Ministério da Saúde, Amanda Moura, cumprimentou a equipe pela conquista da certificação. "Sempre digo que o mais difícil não é conseguir o título, mas, sim, mantê-lo. A responsabilidade continua com a consciência de que todos devem se aperfeiçoar para dar um atendimento cada vez mais humanizado e de qualidade à população. Isso significa a certeza das mães de que seus filhos vão sair amamentados e saudáveis daqui”, afirmou. Com a nova certificação recebida, o hospital Anita Gerosa se torna referência em amamentação para Ananindeua e fica equiparado aos 10 hospitais do Pará que já ostentam o título. O secretário de Estado.

A dona de casa Kissiane Alfaia, presente na cerimônia com o pequeno Emanuel, de 6 meses, lembrou do atendimento prestado pelo hospital desde os primeiros meses de sua gravidez. "Fiz questão de vir aqui e prestar meu depoimento, pois desde o início do pré-natal sempre fui bem acolhida e informada sobre a importância da amamentação. Hoje o Emanuel esta forte, gordinho e resistente, graças a Deus e a vocês". O padre Alberto Bresciani, um dos fundadores remanescentes do hospital, participou da cerimônia e benzeu a placa, na presença da secretária de Saúde de Ananindeua, Ivete Gadelha Vaz; da coordenadora estadual de Saúde da Criança, Ana Cristina Guzzo, e da coordenadora estadual de Atenção à Saúde, Jane Neves. Já são mais de 20 mil hospitais credenciados na Iniciativa Hospital Amigo da Criança em todo o mundo. Atualmente, há 336 hospitais no Brasil com essa credencial. O título foi concedido ao Anita Gerosa após uma última etapa da avaliação, realizada nos dias 9 e 10 de fevereiro deste ano, pela médica pediatra Sônia Salviano, que é avaliadora do MS para a iniciativa Hospital Amigo da Criança. O trabalho foi acompanhado de perto pelos integrantes da Coordenação Estadual de Saúde da Criança da Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sespa). O processo de credenciamento junto ao MS começou quando o médico Helio Franco, hoje secretário de Saúde, era presidente da Fundação Santa Casa de Misericórdia do Pará. O primeiro treinamento foi realizado pela nutricionista Eunice Begot, hoje integrante do Colegiado de Gestão da Sespa. Administrado pela Sociedade Beneficente São Camilo, o hospital Anita Gerosa foi fundado há 49 anos e tem 96 leitos com especialidade em Ginecologia, Obstetrícia e Pediatria. Mantém 99

funcionários, além de 15 médicos, que dão conta de uma demanda média anual de 44.400 atendimentos, incluindo partos e cirurgias. Atende consultas particulares, conveniados de planos de saúde e pacientes referenciados pelo Sistema Único de Saúde (SUS). No Pará, já receberam o título de "Hospital Amigo da Criança" as seguintes instituições: Fundação Santa Casa de Misericórdia do Pará, Hospital Benemérita Sociedade Beneficente Portuguesa, Hospital Venerável Ordem Terceira e Fundação Hospital de Clínicas Gaspar Vianna, em Belém; Hospital e Maternidade Sagrada Família, em Santarém; Hospital Geral de Bragança, Hospital Santo Antonio Maria Zaccaria e Hospital das Clínicas, em Bragança; Hospital Santo Antônio, de Alenquer; e Hospital Divina Providência, em Marituba. Todos eles, além do Hospital Anita Gerosa, cumpriram os Dez Passos para o Sucesso do Aleitamento Materno em conformidade com o protocolo da Norma Brasileira de Comercialização de Alimentos para Lactentes e Crianças de Primeira Infância, Bicos, Chupetas e Mamadeiras ( N B C A L ) , e m v i g o r p e l a L e i 11 . 2 6 5 / 2 0 0 6 .

REFLEXÕES EM AGOSTO. Agosto é o oitavo mês do ano e é nele que sentimos o quanto já caminhamos dentro dos trezentos e sessenta e cinco dias que nos são ofertados por Deus para viver. Mais de cinquenta por cento do caminho já foi superado. Não sei quanto a vocês, queridos leitores, mas a mim me bate nessa hora uma inadiável vontade de rememorar o que já foi realizado nestes sete meses vividos, os trabalhos iniciados e que mais à frente poderão dar frutos, as tarefas começadas e encerradas com pleno sucesso, com o labor diário, aquele que tanto faz ser braçal ou intelectual merece a mesma admiração de todos. Dizem que agosto é o mês do desgosto. O escritor Mário Souto Maior, em um de seus livros, chamado “Folclore quase sempre” nos traz essa explicação simples sobre um pouco do misticismo criado em cima do

oitavo mês do ano: “Os romanos deram ao oitavo mês do ano o nome de agosto, numa homenagem ao Imperador Augusto, quando estavam acontecendo os mais importantes fatos de sua vida, destacandose, dentre os principais, a conquista do Egito e sua elevação à dignidade de cônsul. (...) Sabemos que os romanos não gostavam do mês de agosto. Acreditavam na existência de um dragão enorme, horrível, que, cuspindo fogo pelas narinas, passeava no céu durante todo o mês de agosto, dragão este que não passava da constelação de Leão nos céus do hemisfério norte. (...) As mulheres portuguesas não casavam nunca no mês de agosto, época em que os navios das expedições zarpavam à procura de novas terras. Casar em agosto significava ficar só, sem lua-de-mel e, às vezes, até mesmo viúva. Os colonizadores portugueses trouxeram esta crença para o

Brasil já transformada em ditado popular segundo o qual “Casar em agosto traz desgosto' . Assim, se o casamento não for realizado em julho, por qualquer motivo, é bom deixar para casar em setembro, pulando-se o mês de agosto. E por se tratar de um mês azarado – explica Pereira da Costa “é de mau agouro para casamento, mudanças de casa e empreendimentos de qualquer negócio de importância”. Como se lê, há muito mais superstição, reforçada por uma infinidade de acontecimentos ruins que se sucederam no mês de agosto, do que sonharia nossa vã filosofia. E vocês, leitores do JORNAL DE ANANINDEUA, como tem sido ao longo do tempo o mês agosto? Como diz o ditado popular, para quem trabalha não tem tempo ruim.

CULTURA EM CURTAS O escritor e jornalista Alfredo Garcia, morador de Ananindeua há mais de 20 anos, lança em setembro, na XV Feira PanAmazônica do Livro, dois livros.*** As obras chamam-se “Barca Barroca: Contos do Ver-OPeso” e “O Cachorro Terrorista”, que reúne crônicas que o escritor publicou na imprensa paraense desde 2001 sobre o 11 de Setembro, de tão triste memória.***A XV Feira Pan-Amazônica do Livro acontecerá de 2 a 11 de setembro e é uma iniciativa do Governo do Pará.*** Ananindeua, aliás, muito breve terá uma ação cultural inédita. Esperem para conferir.***Até a próxima coluna.

MUNICÍPIOS PARAENSES TERÃO BIBLIOTECA PÚBLICA ATÉ SETEMBRO Imagine um portal que, ao ser atravessado, revela um universo de conhecimento. Até o ano passado, imaginá-lo era o que restava a 31 municípios paraenses. Este ano, a fantasia vira realidade e o portal, a porta de uma biblioteca. Isso porque, graças ao projeto ''Mais Bibliotecas'', até outubro deste ano o Pará dará um grande passo para o incentivo à leitura no Estado, ao implantar esses espaços em todos os municípios do Estado. A meta do Sistema Estadual de Bibliotecas Públicas (Sebp), por meio da Fundação Cultural do Pará Tancredo Neves, é que todos os municípios paraenses, nos próximos três meses, já disponham de uma biblioteca pública. Segundo o diretor da Leitura e Informação da fundação, Sérgio Massoud, para alcançar a meta, somente de janeiro a outubro deste ano o governo deverá ter implantado 20 bibliotecas e modernizado 18. “Destas ações, já estamos na fase final. Até outubro vamos conseguir vencer finalmente esse déficit e nenhum município mais do Pará ficará sem biblioteca pública”, assegura. Em janeiro do ano passado, eram 31 os municípios sem bibliotecas. Somente entre maio e julho deste ano foram implantadas seis bibliotecas nas cidades de Faro, Terra Santa, Redenção, Pau D'Arco, Cumaru do Norte e Curuçá.

Para o mês que vem, outras cinco bibliotecas serão implantadas, em Itupiranga, Eldorado dos Carajás, Curionópolis, Tracuateua e Terra Alta. Entre setembro e outubro ainda serão inauguradas outras sete. Segundo o secretário executivo do Sistema Estadual de Bibliotecas Públicas, Guilherme Relvas, para a implantação das bibliotecas foi necessário somar os esforços e investimentos das três esferas de governo. “O município garante o espaço adequado, que é o imóvel, e a equipe para trabalhar na biblioteca, os funcionários. O Ministério da Cultura, por meio da Biblioteca Nacional, garante a doação de um kit composto de mobiliários, equipamentos audiovisuais, computadores e acervo, dentro do programa Livro Aberto, que é coordenado no Pará pela Fundação Tancredo Neves”, detalha. Ao Governo do Pará coube toda a articulação para celeridade do projeto. A Fundação Tancredo Neves ofereceu assessoramento técnico, desde a obra ou adaptação do imóvel, até a montagem das bibliotecas. “Também somos responsáveis pelos programas de capacitação dos funcionários, com oficinas e treinamentos em organização de acervo, informatização de biblioteca, dinamização cultural e outras necessárias que já estão acontecendo”, acrescenta.

Para implantação das bibliotecas públicas, foi necessário percorrer um longo caminho, que incluiu a sensibilização das autoridades municipais e a garantia de engenheiros, arquitetos e bibliotecários para assessoramento técnico em cada município atendido. Posteriormente, cada nova biblioteca é inscrita no Sistema Nacional de Bibliotecas Públicas (SNBP).


A8

edição de 15/07 a 15/08/2011

edição de 15/07 a 15/08/2011

SOCIAL

JUSTA HOMENAGEM

Uma grande homenagem para um grande homem.

FREDERICO SOUZA O homem que Ananindeua nunca esquece. Parabéns Ex-Prefeito de Ananindeua,suas obras serão sempre lembradas.

12-08 Frederico Santos de Souza completou 77 anos de idade no dia 12 de agosto. Sua história de vida se mistura com a história do município de Ananindeua. O ananindeuense ilustre, que teve participação ativa nos momentos mais importantes deste município, nasceu em 1934, na ainda Quinta das Carmitas, no bairro do Maguari. Casado com dona Raimunda Nonata de Souza, com ela teve a felicidade de gerar cinco filhos: Reginaldo, Reinaldo, Ronaldo, Rosilene e Rosileide, todos com participação ativa no desenvolvimento social e empresarial do município. Apesar de ter tido passagem das mais importantes nas atividades políticas de Ananindeua, sua conduta sempre foi marcada pela humildade e solidariedade aos amigos, e gostava de ser reconhecido pela profissão que abraçou, a de corretor de imóveis. Seu pai foi o alfaiate João Nunes de Souza, que empresta seu nome ao plenário da Câmara Municipal, casado com dona Cleida, sua genitora. Frederico começou a exercer atividades políticas ainda muito jovem, quando era governador do Estado o então General Zacarias de Assunção. Em 1966 foi eleito para exercer seu primeiro mandato como vereador, que durou de 1967 a 1971. Depois foi reeleito para um mandato tampão que ocorreu entre os anos de 1971/72.

Sua atividade parlamentar foi marcada pelo trabalho, honestidade e simpatia popular, o que lhe proporcionou “cacife” suficiente para ousar voa mais alto. Em 1977 acabou se elegendo prefeito de Ananindeua, cujo mandato exerceu até o ano de 1983. Muito lúcido e com saúde de fazer inveja para a idade que ostenta, Frederico admite ter sido sua maior obra administrativa, como gestor municipal, a construção do prédio do Palácio do Executivo, que se mantêm até hoje no mesmo lugar, em terreno comprado por ele ao empresário Raul Vicente, avô do hoje advogado Antonio Cabral Vicente Junior e seu

irmão Neto Vicente, ambos com passagem marcante pela política ananindeuense. Depois foi a construção do prédio onde até hoje funciona a Câmara Municipal, em terreno que pertencia ao Sr. Luiz e dona Amélia. Seus olhos ainda brilham de orgulho quando fala no trabalho que desenvolveu na revitalização da então Avenida Mocajuba, hoje Zacarias de Assunção, e da criação do Distrito Industrial. Foi de sua autoria também a abertura da Avenida Claudio Saunders, que na época se chamava Estrada do Maguari, além de quase todas as ruas da área central do município. Na sua administração foi

iniciada a construção do complexo habitacional cidade nova (de I ao IV), estando incluídos no projeto a construção da subprefeitura e da feira coberta do conjunto cidade nova IV. Foi de sua autoria a construção do campo do Maguari, a reforma da sede e do campo do Marituba, revitalização da sede do Coqueiro Esporte Clube e da sede social do Ananindeua. Escolas - Durante sua gestão como prefeito, foram construídas e inauguradas as seguintes unidades educacionais: Escola Padre Chaval (que hoje pertence ao município de Marituba), Escola Inácio da Cunha, Escola João Nunes de Souza, Escola Amélia Reis Freitas, Escola Nilce Alves Branco, Escola Hildegarda Caldas de Miranda, assim como reforma e ampliação de várias outras escolas existentes. Contabiliza como maior decepção política o fato de ter entregue a prefeitura ao então presidente da Câmara Municipal, vereador Fernando Corrêa (hoje residente em Marituba) seis meses antes do pleito eleitoral. “Essa é a decepção que vou levar para o tumulo”, diz ele. Por outro lado, a grande alegria de sua vida foi conquistar uma família estruturada e unida. Dois de seus filhos (Reginaldo e Rosilene) acabaram por abraçar a atividade política e se elegeram vereadores do município. Hoje abraçam apenas as atividades comerciais.

O novo e maior atacado da construção.

COMUNICAÇÃO VISUAL 8802-3618 8248-9577

Rod. BR-316, Km2, nº 1500 Tel: 3214-4800 - Ananindeua-Pa.


EDIÇÃO AGOSTO 2011