Issuu on Google+

Distribuição gratuita

EDIÇÃO 159 - CENTRO-OESTE

Semanário regional. Circula em Arcos, Bom Despacho, Carmo do Cajuru, Divinópolis, Formiga, Itaúna, Lagoa da Prata, Nova Serrana, Pará de Minas e Pitangui • Fundador Laércio Nunes • 28 de novembro a 04 de dezembro

DOIS MÉTODOS PARA SE LIVRAR DAS DORES CERVICAIS

DECORAÇÃO DE NATAL REQUER CUIDADOS Foto: Amanda Quintiliano

Foto: Divulgação

O RPG é recomendado para quem sofre de dores musculares

A Reeducação Postural Global (RPG) é uma técnica da fisioterapia que proporciona a reeducação da postura, amenizando ou corrigindo desvios posturais. Conheça métodos para acabar com o desconforto dessas dores cervicais. Página: 04

DESEMPREGO: APRENDA DAR A VOLTA POR CIMA

Foto: Divulgação

Uma demissão não pode ser um fator desanimador e sim um incentivador para seguir novos caminhos

Por vezes, nos deparamos com a triste realidade do desemprego. Situação que se complica com a chegada do período de festas. São muitos os fatores que levam a ele, mas a única postura do trabalhador em relação a essa situação é não se deixar abater. Saiba como dar a volta por cima. Página: 14

VERDE: A COR DO FINAL DE ANO

Foto: Divulgação

Confira o passo a passo para fazer essa maquiagem

Final de ano, e o que não faltam são comemorações, confraternizações. Para ajudá-la a arrasar em qualquer festa, o jornal O PASSAGEIRO traz a dica de uma maquiagem válida para qualquer momento. Confira! Página: 14

O Natal está chegando e, com ele, as casas, o comércio e as ruas das cidades ficam mais iluminadas. Essa decoração, que encanta crianças e adultos e está cada vez mais presente nas cidades, requer alguns cuidados. Página: 06


02

JORNAL O PASSAGEIRO C.O

Editorial

DA FICÇÃO PARA A REALIDADE A cada novela, os modelos de comportamentos, beleza, moda e outros, vão se alterando. Mudam os personagens, a trama, e a sociedade vai respondendo aos estímulos produzidos. Os personagens ganham vida na história real. Os cortes de cabelo, as roupas tornam-se objetos de desejo de quem acompanha do outro lado da telinha. Os carros passam a ser os mais vendidos e os países os mais procurados para quem deseja conhecer o paraíso mostrado pela televisão. Realidade que mostra o poder da influência da indústria do faz de conta. Do adulto à criança. Todos querem viver a ficção na vida real. Enquanto os mais velhos sonham em conhecer a Turquia – atual cenário da novela “Salve Jorge”, da rede Globo – as crianças tentam fazer das escolas e salas de aulas uma cópia de “Carrossel” – transmitida pelo SBT. Será que esses pequenos são capazes de distinguir que o “mundo perfeito” das dramaturgias não passa de ficção? Para alguns especialistas ouvidos pela reportagem do Jornal O

28 DE NOVEMBRO A 04 DE DEZEMBRO

EDIÇÃO 159

Artigo

DIA DA MÚSICA

Juliano Ferreira A música surgiu juntamente com o homem, algo tão sublime deve ter também o seu dia para ser comemorado. E é justamente no dia 22 de novembro que se comemora o dia da música. A música é uma arte que está em nosso meio desde a era primitiva, porém, pode-se afirmar que os homens pré-históricos ainda não dominavam técnicas artesanais suficientes para fabricar instrumentos musicais, embora já usassem as mãos e pés para marcar ritmo em celebrações de guerra e rituais. E é esse ritmo que interessa observar, porque a partir dele o homem vai começar a buscar outras manifestações, como assobios, uivos, gritos, que, dentro de uma medida de tempo, vão compor a música em seu estilo mais primitivo.

Não se sabe ao certo quanto ao surgimento da música ou como os homens passaram a utilizar instrumentos para deles extrair ritmo, som, melodias. Diferentemente de outras manifestações primitivas da arte, como as pinturas que ficavam gravadas nas cavernas, a música não podia ser registrada. Sendo assim, fica ainda mais difícil tentar delimitar o “nascimento” dessa expressão. O dia 22 de novembro é também o dia de Santa Cecília, uma santa cristã, padroeira dos músicos, pois quando ela estava morrendo, ela cantou a Deus. De família nobre italiana, é uma cristã desde a infância. Ela foi dada em casamento, contra a vontade, a um jovem chamado Valeriano. A Igreja ocidental, como a oriental, tem grande veneração pela Mártir, cujo nome

Pra minha vida

figura no cânon da Missa. O ofício de sua festa traz como antífona, resposta, em geral cantada em canto gregoriano, a um Salmo, ou a outra parte da liturgia, como as Vésperas ou uma missa, um tópico das atas do martírio de Santa Cecília, as quais afirmam que a Santa, nos festejos do casamento, ouvindo o som dos instrumentos musicais, teria elevado o coração a Deus nestas piedosas aspirações: “Senhor, guardai sem mancha meu corpo e minha alma, para que não seja confundida”. Desde o século XV, Santa Cecília é considerada padroeira da Música Sacra. Sua festa é celebrada no dia 22 de novembro, dia da Música e dos Músicos. Juliano Ferreira é professor de Música, com licenciatura plena em Música. Tem 31 anos e é de Arcos.

PASSAGEIRO, nem sempre a influência é negativa. Eles acreditam que as novelas podem ser instrumentos para levar às salas de aulas temas importantes para discussão. Assuntos abordados, como o merchandising social, quando temas como o uso de drogas, deficiência e doenças são levantados na dramaturgia, podem levar a um debate sadio. O tema é lançado à sociedade, mas é preciso, por parte dos pais e professores, ter jogo de cintura para contextualizar de forma a não repassar a “falsa realidade” transmitida nas telinhas da televisão. Como as novelas mexem com as sensações e emoções dos telespectadores, adultos e crianças, é preciso ter cuidado. Para especialistas, o público infantil tem menos condições de disseminar o real do virtual. Após a febre das “Chiquititas” vivenciada na década de 1990, agora os alunos se vestem como os personagens de “Carrosel” e apelidam coleguinhas com os nomes dos protagonistas. A brincadeira pode ser até divertida, mas é preciso aplicar uma dose de realidade diária, para esses pequenos não se perderem na “indústria do faz de conta”, perdendo a noção

EXPEDIENTE

da vida real.

A VOZ DO PASSAGEIRO “Peguei o Passageiro enrolei espremi torci não saiu sangue logo li gostei” Raphael Prisma Celeste é escritor, morador de Divinópolis. Mande seus comentários, críticas ou sugestões para: redacao.opassageiro@gmail.com

Minha vida... Quero estar em muitos lugares durante minha vida e pelo tempo que eu estiver aqui. Quero cantar muitas canções, fazer coisas boas e esquecer as ruins Interpretar minha vida e assistir ao meu próprio filme Estar sozinha agora ou quando quiser e com milhões quando tiver vontade. Quero uma canção que fale de mim do meu jeito,do que eu sinto Quero ser o que eu espero ser, Não cuidar só da imagem Gostar bem de mim Tentar não tratar mal Quem estiver ao meu lado Quero ser mais importante pra mim E conseguir ver através de mim mesma Se estamos sozinhos agora Talvez depois isso mude A solidão que vá embora Quero cantar uma canção pelas ruas Desvendar segredos preciosos Fazer preces em agradecimento Saber a verdade Não reter nada Que vier pela frente Parar de me esconder Pra me sentir melhor Então, no fim de tudo se minhas palavras não se juntarem Ouvirei aquela música “A MÚSICA DA MINHA VIDA” Com a melodia mais linda Sabendo que deixei amor escondido em algum lugar Um lugar onde não haja espaço nem tempo Um lugar especial Com a certeza que não passei aqui por acaso Aí sim fecharei meus olhos quando minha vida acabar E dormirei,meu sono eterno... Tranquilamente.... E todos dirão:”--Ela amou por toda a vida!” Cláudia Gonçalves é secretária e leitora do OP.

www.opassageiro.com.br Editor Geral: Marcelo Nunes Diretora Geral: Stefane Moura (37)3222-5997 / 8817-9135 Jornalista Responsável: Francisco Vilela - Registro nº 12.764 Chefe de Redação: Amanda Quintiliano Redação: Amanda Quintiliano, Amarilis Pequeno, Júlia Medeiros e Cíntia Teixeira. Revisora: Nilsymara Alves Araújo

Número de páginas: 16 Tiragem: 40 mil exemplares mensais Periodicidade: semanal Circulação: Divinópolis, Arcos, Bom Despacho, Carmo do Cajuru, Formiga, Itaúna, Lagoa da Prata, Nova Serrana, Pará de Minas, Pitangui. Fale Conosco: 3222-5997 - redacao.opassageiro@gmail.com Fundador: Laércio Nunes

Arte Gráfica: Daniel Allan e Douglas Barreto Diagramação: Daniel Allan Impressão: Renato José Controle Administrativo: Micheline Mércia Vendas: Stefane Moura: 37- 8817.9135 / 3222.5997 Rômulo César: 37- 9962.2209 / 3222.5997 Paulo Henrique: 8811.4784 / Nicolau Reis: 8818.1867

“O Passageiro”, periódico semanal em Divinópolis e no Centro-Oeste de propriedade de KGEL. Kerix Gráfica e Editora LTDA - CNPJ: 139448090001 13 / Rua Bambuí, nº 273, Santo Antônio - Divinópolis - MG O Jornal necessáriamente não é solidário nem se responsabiliza por conceitos em artigos e matérias assinadas.


JORNAL O PASSAGEIRO C.O

28 DE NOVEMBRO A 04 DE DEZEMBRO

Educação

Mara Araújo Revisora mara.opassageiro@gmail.com

CANTINHO DAS LETRAS

Olá! Hoje vamos terminar o assunto O USO DA CRASE, dando sequência à edição 158. O uso da crase é facultativo 1 - Antes de pronome possessivo: Levou a encomenda a sua (ou à sua) tia. / Não fez menção a nossa empresa (ou à nossa empresa). Na maior parte dos casos, a crase dá clareza a este tipo de oração. 2 - Antes de nomes de mulheres: Declarou-se a Joana (ou à Joana). Em geral, se a pessoa for íntima de quem fala, usa-se a crase; caso contrário, não. 3 - Com até: Foi até a porta (ou até à). / Até a volta (ou até à). Algumas locuções em que se usa crase À beça À beira de À cata de À custa de À deriva À direita À distância À espreita À esquerda À exceção de À feição de À força À francesa À frente (de) À mão À maneira de À medida que À mercê de À míngua À minuta À moda (de) À noite À paisana À parte

À pressa À primeira vista À procura de À proporção que À queima-roupa À revelia À risca À semelhança de À tarde À toa À última hora À uma (=conjuntamente) À unha À vista À vontade Às avessas Às cegas Às claras Às escondidas Às moscas Às ocultas Às ordens Às vezes (= algumas vezes, de vez em quando) Espero que tenham gostado. Até a próxima edição!

03

EDIÇÃO 159

CARROSSEL É A NOVA BRINCADEIRA NAS ESCOLAS A novela cativou as crianças que têm imitado a ficção Cíntia Teixeira

Foto: Cíntia Teixeira

cintia.opassageiro@gmail.com

Nos últimos meses, a escola de verdade vem imitando a escola fictícia. A novela Carrossel, exibida pela emissora SBT, tem dado grandes índices de audiência nos últimos meses e ajudado muitas escolas a trabalhar temas difíceis de serem abordados em sala de aula. Temas como preconceito, malcriação e disciplina na escola, além de expressões típicas da novela estão tomando conta das escolas. Para especialistas, a novela ajuda a tratar de temas transversais de forma lúdica sem que os pequenos percebam que estão discutindo temas importantes. Dia de segunda-feira é sempre a mesma coisa: as crianças chegam mais cedo para trocar as figurinhas repetidas entre os amigos. As meninas, sempre ligadas à moda, chegam imitando as personagens da novela com tiaras e as professores agora têm um novo nome entre os alunos: “Helena”, nome da protagonista de Carrossel. A novela Carrossel é

As amigas Mariane Teixeira e Júlia Araújo entretidas com o álbum de figurinhas Carrossel

uma verdadeira febre entre a garotada. Segundo a psicopedagoga Eloíza Nogueira, a novela pode ser uma ferramenta para tratar de temas importantes dentro da sala de aula. “Acredito que a novela Carrossel pode ser uma aliada ao processo de ensino-aprendizagem se o educador, e aí englobo pais ou professor, souber filtrar e contextualizar com o filho ou aluno o tema”, afirma. É o que tem feito a professora de inglês do 1º ao 5º ano do Ensino Fundamental. Os alunos comentam sobre a novela

o tempo todo e a alternativa que ela criou foi tratar dos temas em sala de aula. “Aproveito para falar de várias coisas que eles comentam em sala de aula, por exemplo quando chamam um aluno negro de Cirilo (personagem negro da novela), faço uma discussão sobre o tema do racismo”, comenta. Dessa forma lúdica, a criança vai se identificando com os personagens ou idealizando ser algum deles. A estudante Mariane Teixeira brinca direto com a amiga Julia Lopes Araújo dentro e fora da escola de

DICA DE LEITURA A Revolução dos Bichos - George Orwell

O sonho de um velho porco de criar uma granja governada por animais, sem a exploração dos homens, concretiza-se com uma revolução. Como acontecem com as revoluções, a dos bichos também está fadada à tirania, com a ascensão de uma nova casta ao poder. Nesta fábula feita sob medida para a Revolução Russa, todos os animais são iguais, mas uns são mais iguais do que os outros. Num belo dia, os animais da fazenda do senhor Jones se dão conta da vida indigna a que são submetidos: eles se matam de trabalhar para os homens, lhes dão todas as suas energias em troca de uma ração miserável, para ao final serem abatidos sem piedade. Liderados por um grupo de porcos, os bichos então expulsam o fazendeiro de sua propriedade e pretendem fazer dela um Estado em que todos serão iguais. Logo começam as disputas internas, as perseguições e a exploração do bicho pelo bicho, que farão da granja um arremedo grotesco da sociedade humana. Publicada em 1945, A Revolução dos Bichos foi imediatamente interpretada como uma fábula satírica sobre os descaminhos da Revolução Russa, chegando a ter sido utilizada pela propaganda anticomunista.

Carrossel. Mariane é apaixonada pela novela e, além do álbum de figurinhas e de bonecas da novela, ela também se identifica com uma personagem. “Eu gosto da Marcelina porque mesmo pequena ela é ótima amiga para as meninas da escola”, explica. Para a psicopedagoga, essa identificação é natural, principalmente nesta idade. “A novela é composta por 16 alunos e cada um tem uma personalidade que vai do mimado, do bonzinho até o custoso. Quem não se encaixa numa turma desta?”, diz.


04

JORNAL O PASSAGEIRO C.O

28 DE NOVEMBRO A 04 DE DEZEMBRO

EDIÇÃO 159

Saúde é Vida Fábio Henrique Santiago Nutricionista fabionutricionistaopassageiro@gmail.com

QUAL MELHOR AÇÚCAR? Entenda as diferenças entre eles Na procura de uma alimentação mais saudável e equilibrada, acabamos por substituir produtos industrializados por produtos naturais ou orgânicos. Mas, no caso do açúcar, será que existem muitas diferenças? As principais diferenças aparecem no gosto, na cor

e na composição nutricional de cada tipo. A regra básica é a seguinte: quanto mais escuro, mais vitaminas e sais minerais o açúcar tem, e mais perto do estado bruto ele está. O açúcar tem como matéria-prima a cana. Antes de chegar à nossa mesa, a cana

passa por diversas etapas de fabricação. Primeiro, ela é moída para retirar o caldo doce. Depois, começa a purificação, em que o caldo é aquecido e filtrado para barrar as impurezas. Logo, o caldo é evaporado, vira um xarope e segue para o cozimento, onde aparecem

os cristais de açúcar. Existem quatro tipos de açúcar que são mais comuns no mercado, são eles: açúcar refinado, açúcar mascavo, açúcar demerara e açúcar orgânico. Açúcar refinado, conhecido como açúcar branco, é composto por aditivos químicos que o tornam delicioso

e branco e que retiram as vitaminas e sais minerais, deixando apenas calorias vazias. O açúcar mascavo é o açúcar quase bruto, escuro e úmido, extraído depois do cozimento do caldo de cana, conservando o cálcio, o ferro e outros minerais, tem gosto parecido com o caldo

de cana. O açúcar demerara passa por um refinamento leve e não recebe nenhum aditivo químico. O açúcar orgânico não utiliza ingredientes artificiais em nenhuma etapa desde o plantio até o processo de industrialização. Qual açúcar utilizar? Agora a escolha é sua!

CUIDADOS COM OS PÉS Amarilis Pequeno amarilis.opassageiro@gmail.com

Você sabia que um calo pode levar a problemas de coluna? A pessoa anda se curvando de dor por causa do sapato apertado ou de uma unha encravada. Além disso, micoses e outros problemas afetam a saúde dos pés. O cuidado é um tipo de ação preventiva. É aconselhado procurar um podólogo pelo menos uma vez por ano. Os podólogos tratam das patologias dos pés. Os problemas mais comuns são as unhas encravadas e as micoses. Sapatos apropriados, higienização correta são cuidados que ajudam na prevenção. A retirada da cutícula é uma das causas de infecções. “A

cutícula é a proteção da unha, não é aconselhado retirar”, alerta a podóloga Célia Araújo. As micoses, que são as mais comuns, devem ser tratadas com o profissional. “Muitas pessoas procuram manicures, mas não é especialidade delas esses cuidados, por isso, é preciso ter orientação de um profissional”, alerta. Micoses são fungos da unha que fazem com que ela fique oca. De acordo com Célia, raFoto: Amarilis Pequeno ramente é preciso arrancar. “O O tratamento de micose é feito com laser e medicação externa. tratamento é feito com laser e Pode durar entre 6 e 12 meses medicação utópica”, revela. Leila Lopes, 51 anos, realiza a apareceu quando comecei os homens, é causado pelo uso higienização dos pés a cada 15 com a podóloga. Só agora está constante de sapatos fechados. Nesse caso, Célia recomenda dias, aplicando o laser na mi- melhorando”, afirma. o uso do spray de álcool 70% cose. “Fiquei seis anos fazendo borrifado nos sapatos. “Borrife CHULÉ um tratamento com dermaO chulé, mais comum entre o álcool ou o lysoform dentro tologista, mas o resultado só

do sapato uma vez por semana e deixe em local ventilado. Não deixe os sapatos ao sol e nem use em dias seguidos. É importante sempre alternar com outros pares”, indica Célia. O álcool pode ser aplicado diretamente nos pés, logo que sair do banho, depois de secos. Os calçados sintéticos também favorecem o chulé. Os chinelos e rasteiras favorecem as rachaduras. De acordo com a podóloga, para combater as fissuras conhecidas como rachaduras, é preciso beber muita água, usar hidratante específico para os pés e evitar sandálias baixas, que engrossam os pés e causam o chulé. Comum entre obesos e idosos, em alguns casos, a fissura pode ser relacionada a

problemas do fígado. As meias devem ser trocadas diariamente, e quem tiver micoses deve deixá-las de molho no pinho ou no lysoform. Célia ressalta o cuidado para as pessoas que têm diabetes. “Os pés ficam sensíveis e é comum ocorrerem machucados, por isso eles devem ser sempre monitorados. Aconselho usar meias brancas e sempre de algodão, pois havendo algum machucado o sangramento será visível. Evite andar descalço e ir a manicures”, pontua. Todo tratamento é demorado e depende dos cuidados de cada um em casa e do crescimento da unha. “Isso não tem como prever, o tratamento pode durar poucos meses ou um ano”, esclarece.

CONHEÇA DOIS MÉTODOS PARA SE LIVRAR DAS DORES CERVICAIS Amarilis Pequeno amarilis.opassageiro@gmail.com

RPG é um método usado para corrigir a postura cervical, desenvolvido por um cientista francês. O tratamento varia conforme a necessidade de cada um. A ideia é construir, por meio de alongamentos globais associados ao trabalho respiratório, uma nova memória muscular, um ideal para cada indivíduo, pois cada comportamento é pessoal. Pode ser praticado por qualquer pessoa que apresente os sintomas.

O RPG é recomendado para as pessoas que sofrem dores musculares em consequência de má postura. Existem casos que podem ser resolvidos em apenas uma sessão, em outros é preciso anos de tratamento. “Esta é um técnica que visa exatamente o ajustamento de postura, para uma organização de todos os segmentos do corpo”, explica a fisioterapeuta Liége Maria Leal. Uma grande vantagem oferecida pelo tratamento é que não é preciso fazer uso de medicação, o tratamento é feito apenas

com manipulação das mãos sobre a coluna, pernas e braços do paciente. Para manter o corpo elegante e capaz de se movimentar, 33 vértebras (7 cervicais + 12 torácicas + 5 lombares + 5 sacrais e 4 no cóccix), alinhadas uma sobre a outra, se deslocam para favorecer o movimento, portanto, é preciso fortalecer a musculatura para manter o esqueleto em equilíbrio e sustentar o peso. O tratamento é eficiente e muito indicado, as chances de resultado são excelen-

tes. “O RPG melhora a força e a flexibilidade muscular, expansibilidade torácica, melhora a capacidade respiratória, diminuição ou até a abolição da dor, de acordo com cada caso”, acrescenta a fisioterapeuta. Em alguns casos, as dores de cabeça também podem ser sinal de que a coluna não vai bem, na maioria dos casos isso se deve a um pequeno desalinhamento da vértebra cervical que interfere no fluxo nervoso e sanguíneo da região. “Quando a vértebra não está na posição

correta, nossa musculatura é tensionada, ativando a dor”, diz o quiropraxista Felipe Trindade, enfatizando que o ajuste quiroprático combate o problema com eficácia em 90% dos casos. Felipe explica que o “ajuste” é um movimento rápido feito com mãos no pescoço, sem dor, auxílio de remédios ou qualquer intervenção invasiva no paciente. “É rápido, preciso, indolor e sem efeitos colaterais. Age diretamente na causa do problema, tanto de forma corretiva como também na

prevenção”, destaca. A quiropraxia (termo usado para designar apenas o usa das mãos) é um método de tratamento natural de mobilizações, manobras ou manipulações. Esses procedimentos são realizados tanto na coluna vertebral quanto em membros (braços e pernas). É mais antiga que o RPG, foi criada em 1895 por Daniel David Palmer, nos Estados Unidos. Hoje é considera uma das quatro maiores profissões da área da saúde, juntamente com medicina, biomedicina e odontologia.


JORNAL O PASSAGEIRO C.O

28 DE NOVEMBRO A 04 DE DEZEMBRO

05

EDIÇÃO 159

Social

COTAS NAS UNIVERSIDADES DIVIDEM OPINIÃO Lei será implantada de forma gradual até 2016

Gilberto Carlos Costa Palestrante Comportamental e Motivacional e Mestre de Cerimônias 37 9107 3250 gilberto .carloscosta@gmail.com

FAMÍLIA

Foto: João Paulo (Stúdio Sandra Mendes)

MÓVEIS Foto: Divulgação

As instituições terão que reservar o mínimo de 50% das vagas para estudantes negros, pardos, indígenas ou que tenham estudado em escola pública

Cíntia Teixeira cintia.opassageiro@gmail.com

Em outubro, o Governo Federal publicou no “Diário Oficial da União” o decreto que regulamenta a lei que afirma a entrada de 50% das vagas nas universidades federais, em um prazo de até quatro anos, para estudantes de escolas públicas. O critério será de acordo com o Exame Nacional de Ensino Médio (Enem). Essa decisão, segundo a presidente Dilma Rousseff, é uma dívida histórica e merece ser comemorada. No entanto, a decisão está dividindo opiniões. As universidades federais terão que implantar progressivamente a lei que já garante para a entrada de 2013 um percentual de 12,5% dos cursos e turnos. O professor de cursinho e Ensino Médio Marcus Rangel declara que não é a

favor. “As cotas universitárias mostra a mais nova forma de discriminação social do Brasil. Enquanto alguns são beneficiados para compensar falhas educacionais do passado, outros que se esforçam para buscar condições de pagar a melhor educação possível são excluídos”, observa. Por outro lado, alguns especialistas na área da educação acreditam que essa lei pode contribuir e ser eficiente se não for uma ação isolada do governo. “A lei das cotas pode ser uma oportunidade para reduzir as desigualdades sociais num prazo relativamente curto. Sabemos a incidência que um curso superior tem na melhoria da renda”, comenta o professor de Ensino Médio e cursinho Tiago Luís Oliveira. Mas afirma ainda que o

governo não pode esquecer a educação do ensino fundamental. “Vale lembrar que as cotas não eximem o governo da obrigação de melhorar a educação básica, já que, no Brasil, tanto escolas públicas quanto particulares precisam caminhar muito para atingir os níveis internacionais de excelência”, finaliza. A LEI SERÁ IMPLANTADA DE FORMA GRADUAL DURANTE QUATRO ANOS • 2013: 12,5% do total de vagas reservadas • 2014: 25% do total de vagas reservadas • 2015: 37,5% do total de vagas reservadas • 30 de agosto de 2016: prazo para que o cumprimento total da lei (50% de todas as vagas reservadas).

Foto: Gilles Carlose

Esta bela família recebe nossa homenagem. Paulo Rogério Ribeiro, Patrícia Alves Ribeiro e Camila Alves Ribeiro. Os dois são bacharéis em Música Sacra pela Faculdade Batista de Minas Gerais, onde se conheceram. Ele é pianista, arranjador e regente do Coral Sintonia e integrante do quarteto Blessed (especializado em casamentos). Além de músico ele é proprietário da loja Point do Açaí e distribui para Divinópolis e região um açaí pasteurizado e com menos teor calórico. Felicidades, saúde e sucesso!

Com vários anos de mercado de móveis e acessórios Herilson Rabelo e Renata Pardini expandem seus negócios com recente inauguração da nova loja, oferecendo espaço privilegiado, novidades, criatividade e muito mais. A Versátil Móveis está localizada na Av. Getúlio Vargas, 990. Fazendo jus ao nome, a versatilidade é a grande aliada para atender ao fino bom gosto de seus clientes. Nossos parabéns pelo empreendedorismo, perseverança e pelo sucesso merecido.


06

JORNAL O PASSAGEIRO C.O

28 DE NOVEMBRO A 04 DE DEZEMBRO

EDIÇÃO 159

Interessa ao Passageiro

OLHO VIVO Assinatura do convênio é adiada

Amanda Quintiliano amanda.opassageiro@gmail.com

Assinatura do convênio para implantação do Olho Vivo em Divinópolis, prevista para novembro, foi adiada por incompatibilidade na agenda do secretário estadual de Defesa Social Rômulo Ferraz. A previsão é de o documento ser assina-

Lideranças garantem implantação ainda em 2013 do em dezembro ou janeiro. Apesar do atraso, a instalação das 27 câmeras foi confirmada para 2013. Com a autorização do processo de licitação, dentro de seis meses o monitoramento de vídeo já estará em pleno funcionamento.

O investimento total está previsto em R$ 2 milhões. As câmeras serão colocadas nas principais vias da cidade com monitoramento da Polícia Militar por meio de uma central instalada no 23º Batalhão da Polícia Militar. Já a manutenção será de res-

ponsabilidade da Prefeitura. “Temos de comemorar, por ser um antigo compromisso”, ressaltou o prefeito Vladimir Azevedo (PSDB), que participou da reunião na Cidade Administrativa, em Belo Horizonte, com o secretário de Defesa Social.

A redução da criminalidade pode chegar a 30% tendo como base municípios onde o sistema de monitoramento já está em funcionamento. “Quanto mais trabalhar por segurança, é melhor, principalmente o Olho Vivo. Onde ele foi im-

plantado, houve redução de crimes, como aqueles de saidinha de banco”, disse o deputado estadual Fabiano Tolentino (PSD) que participou do encontro. Também participaram da reunião o deputado federal Domingos Sávio (PSDB) e o assessor especial de governo, João Luiz Oliveira.

NOVO TALÃO DO ROTATIVO JÁ ESTÁ CIRCULANDO Amarilis Pequeno amarilis.opassageiro@gmail.com

O novo talão está mais fácil de ser preenchido, não será preciso o uso de caneta. Esta é uma reclamação dos usuários que foi atendida. Os modelos antigos também estão circulando. Conforme anunciado pela Secretaria de Trânsito (Settrans), os usuários alegavam que nem sempre tinham caneta em mãos, o que dificultava o preenchimento. “Como ninguém nunca foi multado por não ter anota-

do a placa, esse campo foi retirado”, destaca o coordenador de fiscalização, Weberth Madureira. Além dessas alterações foram incluídas algumas informações no verso da folha: amparo legal/fundamento jurídico do Estacionamento Rotativo e o artigo da Lei Foto: Amarilis Pequeno 9.503/97 (CTB) que prevê Novos talões do estacionamento rotativo dispensa o uso de a penalidade em caso de caneta. O modelo já está circulando descumprimento. A marca/ sombra de segurança im- tral e foi incluída a imagem “Alguns usuários tinham dúvidas quanto à validade pressa no fundo da folha da Igreja da Catedral. O coordenador falou sobre da folha ao virar o ano, um também foi alterada, retiramos a imagem da área cen- alteração no campo da data. novo campo foi acrescido

com a opção de raspagem até 2015. A mesma é um título ao portador e não tem validade, uma vez adquirida é válida até a sua utilização.” As leis continuam as mesmas, não houve nenhum tipo de alteração em regras e normas, apenas o layout do talão do rotativo, assim como o valor também continua o mesmo. O advogado João Luiz dos Reis, 33 anos, conta que a mudança foi uma ótima ideia. “Incrivelmente falando, a secretaria de trânsito

conseguiu melhorar o serviço. Acho que foi uma modificação inteligente, facilitou o preenchimento e o uso por parte dos motoristas.” Para esclarecer, algumas pessoas comentaram que a partir de 2013 as motos também entrariam no esquema do rotativo, porém, trata-se de especulações, conforme explica Madureira. “Nunca existiu essa intenção, não existe isso em nenhuma cidade do Brasil, seria impossível instituir tal cobrança”, finaliza.

DECORAÇÃO DE NATAL REQUER CUIDADOS ESPECIAIS Para não ter problemas com a decoração de Natal alguns cuidados precisam ser tomados com a instalação elétrica. É preciso planejar a decoração que se pretende fazer. Os cuidados vão desde a compra dos enfeites até o momento de guardá-los, segundo a Companhia Energética de Minas Gerais (Cemig). A instalação

elétrica feita inadequadamente pode ocasionar choque elétrico - que pode machucar e até matar - e curtos-circuitos - que podem causar incêndios. Segundo o engenheiro de segurança do trabalho Demétrio Aguiar, da Cemig, o ideal é escolher itens de qualidade, que tenham o melhor nível de isolamento elétrico possível.

Foto: Amanda Quintiliano

Em locais onde são necessários enfeites mais potentes é indicada a orientação de profissionais, como é o caso dessa decoração

Por isso, recomenda adquirir apenas enfeites aprovados pelo Instituto Nacional de Metrologia, Normalização e Qualidade Industrial – Inmetro, pois são submetidos a testes que garantem a segurança. Recomenda-se também evitar as “gambiarras”, como a instalação de muitos enfeites em uma mesma tomada,

utilizando adaptadores e multiplicadores popularmente conhecidos como T ou benjamim. “Esses dispositivos provocam sobrecarga e, consequentemente, o mau funcionamento dos aparelhos, podendo causar choque elétrico e princípio de incêndio”, explica Demétrio Aguiar. O engenheiro afirma

RECOMENDAÇÕES - Para a instalação de lâmpadas decorativas em fachadas, muros, jardins e árvores deve-se respeitar a distância mínima de 1,5 metro em relação à rede elétrica; - Muitas árvores de Natal são feitas de arame e os enfeites têm de estar isolados para impedir a energização acidental; - Todos os enfeites devem ser bem afixados, para que o vento não os projete contra a fiação da rede elétrica, provocando acidentes graves; - Desligar os enfeites luminosos antes de dormir ou sair de casa pode contribuir para a redução do valor da conta de energia e evitar acidentes; - O conjunto da tomada de energia deve ser desligado ao substituir lâmpadas. Nunca execute esse procedimento puxando a tomada pela fiação; - Evite deixar a instalação em área sujeita a chuva ou alagamento; - Não instale o conjunto de lâmpadas decorativas em estrutura metálica ou pontiaguda; - Após a instalação, corrija os pontos de aquecimento. Siga corre-

que filtros de linha podem ser utilizados, desde que seu dispositivo interno de proteção esteja operante e não tenha sofrido alterações. Para evitar a sobrecarga, é necessária a participação de um eletricista, que irá calcular o que pode ou não ser ligado. O profissional vai adequar o circuito da residência

por meio de uma pequena reforma na instalação elétrica. Ainda segundo Demétrio Aguiar, é importante ressaltar que existem enfeites antigos incompatíveis com o novo padrão de plugues e tomadas, o que demanda o uso de adaptadores. No entanto, esses aparelhos oferecem os mesmos riscos de Ts e benjamins.

tamente as instruções do catálogo do fabricante; - Dê preferência aos enfeites impermeáveis. Eles são mais seguros e duram mais; - Dê preferência às lâmpadas de LED. Além de mais econômicas, não geram aquecimento e são mais brilhantes; NO CASO DE INSTALAÇÃO DE CONJUNTOS LUMINOSOS PARA FACHADA DE PRÉDIO COM POTÊNCIA MAIS ELEVADA: - contrate o serviço de um engenheiro, técnico ou eletricista para dimensionar a fiação e a proteção do circuito de acordo com a carga a ser ligada; - verifique a proximidade com a rede de energia da Cemig, pois, no caso de chuva forte com vento, a iluminação decorativa instalada pode vir a tocar a rede elétrica e provocar curtos-circuitos; - evite choques elétricos, observando a distância mínima da rede elétrica ao instalar a decoração de fachadas ou áreas externas.


JORNAL O PASSAGEIRO C.O

RANCHO Vende-se Rancho de pescaria, com escritura, perto de Martinho Campos, no rio São Fransisco. 3271.3108 9971.9798 - Silvano ____________ BABÁ Ofereço para trabalhar Erica: (037) 8838-7305 _____________ PONTO DE LOJA Passa-se um ponto de loja na Rua Goiás, 805, com montagem para modinha. 8842.9290 _____________ CONSERTA-SE Guarda Chuva - Sombrinha e Sombrinhas de Praia. Sr. Eduardo Pacheco Av. Amazonas 163 Centro. 9951.3110 _____________ LOTE Vende-se. Rua Campos Sales, Porto Velho, entre ruas sargento Valério e Gonçalves Dias, 300x10. 3221.2174 - Marcos _____________ APARTAMENTO Vende-se um apartamento R. Guaporé nº 700 apto 201 - Santo Antônio Quase esquina com R. Minas Gerais R$ 250.000,00 Celso. 9963.7880 _____________ CASA Vende-se ótima casa com estrutura para 3 andares. Com outra no porão totalmente independente, linda vista, lugar tranquilo. Bairro Cidade Nova - Carmo do Cajuru. Aceita-se carro ou lote no negócio! 37- 3244.1817 ou 9197.4042 _____________ LOJISTAS (só atacado) Vendo regatas mais de 10 modelos femininos, R$ 5,99 a R$6,99 a pedido. tel: 9908.4050. _____________ MÁQUINA INTRE LORQUE Vende-se Intre Lorque - 5 fios; Rua Santa Barbara, 190 - Maria Helena. 8841.0392 - Fabiana. _____________ FAXINEIRA Ofereço-me para trabalhar de diarista. 8805.0565 - Josiane ____________ CAFÉ e CAFETERIA Vende-se Café e Cafeteria, ótima localização 3212.4015 ____________ CHÁCARA Vende-se uma chácara em Marilândia, 1.100 m, casa, luz, água da Copasa e cisterna. 3216.3836 9966.4966 - Kênia ____________ CASA Vende-se uma casa na Rua Gonçalves Dias, 1096 - Porto Velho - Divinópolis Vanda ou Mirtes: 3221.4859 / 8838.1846 ____________ BOLOS DE ANIVERSÁRIO Encomenda de bolos de casamento e festas em geral. Rosa: 3222.7375 ____________ VESTIDOS Vende-se vestidos de

formatura. Flar com: Erica: 8841.4643 ____________ LOTE Vende-se lote no bairro Candidés em Divinópolis Dora: 9937.9819 / 9135.5331 _____________ CASA Vende-se uma casa, 3 qts, sala, cozinha, baneiro social, quintal, garagem p/ 3 carros, 262 m, Bairro Santo Antônio, Divinópolis,

R$190.000 9945.1606 / 91186410 _____________ LOTE Vende-se um lote em Perdigão, 375m 10 x 37.5m. R$ 100.000, Bairo Bela Vista - Perdigão. 9945.1606 / 91186410 _____________ OPORTUNIDADE Passa-se um financiamento de um Palio, valor da tranferencia R$ 600,00 + 27 parcelas de R$ 388,00.

28 DE NOVEMBRO A 04 DE DEZEMBRO

37- 9140.2370 37- 3222.5997 _____________ VENDE-SE Um Corsa Classic 2005 prata Tratar com Gilberto 37- 8803.9222 _____________ SINE DE DIVINÓPOLIS Rua Goiás, 206 - Centro - Divinópolis MG - UAI (37) 3214-2212 _____________

EDIÇÃO 159

07


08

JORNAL O PASSAGEIRO C.O

28 DE NOVEMBRO A 04 DE DEZEMBRO

Receitas

Risoles de presunto e queijo

EDIÇÃO 159

Bolinho de limão com cobertura de leite

Foto: Divulgação

MODO DE PREPARO Leve o leite e a margarina para ferver; Quando começar a ferver acrescente a farinha de trigo peneirada, mexendo até que esteja cozida; Sove bem até ficar macia; Estique com um rolo e corte

Horóscopo

com a medida que quiser, mas deve ser redonda; Rale o queijo muçarela e o presunto, um pouco de cebola ralada e orégano; Recheie, passe em uma mistura de ovos com leite e depois na farinha de rosca; Frite em óleo.

INGREDIENTES -2 ovos -1 xícara de chá de açúcar -1 potinho de iogurte natural 160 g -2 colheres de sopa de óleo -6 colheres de sopa de suco de limão -1 xícara bem cheia de farinha de trigo -1 colher de sobremesa de fermento em pó -Raspinha da casca de limão a gosto

COBERTURA -1/2 lata de leite condensado -6 colheres de sopa de suco de limão -Raspinha da casca de limão para decorar MODO DE PREPARO Misturar todos os ingredientes do bolinho na sequência em uma tigela com uma colher; Colocar em forminhas de pa-

Entretenimento

ÁRIES Com Urano em marcha direta em seu signo você não parece ter tempo suficiente para fazer tudo o que deseja. Os desafios do seu dia a dia são inúmeros, mas você se sente agora muito estimulado e cheio de adrenalina para cumprir todas as tarefas desejadas.

TOURO Se você sente que está sendo confrontado com alguns desafios, procure iniciar o seu dia com uma boa caminhada e, enquanto se exercita, analise os assuntos mais difíceis. Verá que esse tipo de atitude proporcionará um melhor funcionamento de sua mente.

GÊMEOS Se você sente que alguém está tentando dissuadi-lo de seus planos, saiba que esse é um desafio com o qual o cosmo está testando sua determinação. Fique firme se quiser alcançar suas metas. Deverá enfrentar os desafios com firmeza e não mudar de ideia a cada instante!

CÂNCER No momento atual a vida lhe apresenta um desafio por dia e por causa disso você precisa tomar algumas decisões importantes que lhe causam dúvidas e mal-estar. Cumpra as tarefas atrasadas e também as mais difíceis com determinação.

LEÃO Os inúmeros desafios que você enfrenta neste momento devem servir para fortalecer a sua força de vontade e não para fazê-lo desistir de lutar! Basta alterar a sua perspectiva, recuar um pouco e você encontrará a solução adequada a cada problema.

VIRGEM O virginiano experimenta um bom momento astral e deve aproveitar para investir com determinação em seus objetivos.Você vai trabalhar com afinco nas próximas semanas e certamente alcançará logo suas metas, especialmente se compartilhar com colegas.

LIBRA Neste período o campo astral é altamente favorável e você se sente plenamente recompensado por seus esforços pessoais. Procure fortalecer os seus relacionamentos pessoais, pois neste momento o céu pode fazer brotar um sentimento afetivo.

ESCORPIÃO O escorpiano enfrenta ótimas oportunidades de crescimento, seja no âmbito pessoal e íntimo ou profissional. Algumas mudanças de planos poderão causar irritação, mas se você tiver um pouco de maleabilidade, acabará encontrando rapidamente a solução.

SAGITÁRIO O sagitariano terá uma semana intensa em compromissos. Este fenômeno é causado pela oposição de Júpiter, seu regente, e é pela mesma razão que as coisas não serãotãoruinsespecialmentesevocê mantiver uma atitude ponderada diante das questões mais delicadas.

CAPRICÓRNIO O capricorniano pode ser surpreendido por acontecimentos inesperados e precisará de uma boa dose de paciência para dar conta de tudo sem se estressar. Procure não ter grandes expectativas e se contente em conquistar somente alguns degraus a cada dia.

AQUÁRIO O céu do aquariano não está de brigadeiro, mas você deve tentar permanecer aberto a qualquer eventualidade para poder aproveitar as brechas favoráveis e enxergar as boas oportunidades. Cuidado para não comprometer a sua saúde.

PEIXES O pisciano precisa se concentrar para não desperdiçar esse precioso momento astral. Agora que seu regente voltou na marcha direta em seu signo, você pode retomar seus sonhos, já engavetados. Tudo vai funcionar conforme seus desejos.

pel e depois em forminhas de empadinha; Levar ao forno preaquecido por 25 a 30 minutos; Misturar os ingredientes da cobertura; Retirar os bolinhos, colocar a cobertura; Decorar com as raspinhas da casca de limão e servir; Também pode ser feito em forma de bolo inglês; Rendimento 12 bolinhos.

PALAVRAS CRUZADAS

RESPOSTAS

INGREDIENTES -2 copos de leite -2 copos de farinha de trigo -2 colheres de margarina -Sal a gosto -Queijo muçarela -Presunto -Cebola ralada -Orégano

Foto: Divulgação


JORNAL O PASSAGEIRO C.O

28 DE NOVEMBRO A 04 DE DEZEMBRO

09

EDIÇÃO 159

Foto: Divulgação

De Passagem

A igreja Matriz Nossa Senhora do Pilar tem estilo neogótico e é ponto certo para visitar na cidade

Pitangui: cidade hospitaleira e repleta de histórias Cíntia Teixeira cintia.opassageiro@gmail.com

Pitangui é repleta de motivos para ser visitada. O primeiro deles é devido à sua história. Desde o século XVII, sétima vila do ouro, que já se mostrava importante para o cenário da história de Minas Gerais. Turista que aprecia história, sem dúvida alguma, vai adorar esta cidade da região Centro-Oeste.

Pitangui fica a exatos 130 km da capital mineira. Cidade pequena, hospitaleira e cheia de memórias da história de Minas Gerais, possui vários pontos turísticos bonitos para os visitantes. Casarões coloniais setecentistas; igrejas e capelas. O ecletismo arquitetônico da cidade é outro atrativo. É possível encontrar em uma

mesma rua construções de vários estilos arquitetônicos, uma verdadeira viagem pelas tendências estéticas do século XVIII ao século XXI. “Fui para passar o dia para passear no centro e almoçar e acabei ficando com minha família um final de semana. Adorei conhecer o centro histórico que é pequeno e a Santa Felicidade Fazenda Ho-

tel, que eu indico”, comenta a empresária Wanda Pereira. No centro histórico, alguns pontos são as igrejas, em especial a Igreja Matriz Nossa Senhora do Pilar; o Chafariz da Praça Getúlio Vargas; o Casarão de Maria Tangará e o Casarão de Padre Belchior. Para os radicais, os adeptos do turismo ecológico, em Pitangui encontrarão

Horários de saída dos ônibus da rodoviária de Divinópolis Horários sujeitos a mudanças, informações: 37-3222.6666

ARCOS 2ª a 6ª 07h30, 14h15 e 18h30 Sáb. e Dom. 07h30 e 19h30

Diário: 06h, 10h30, 13h30, 16, 18h e 21h45

BOM DESPACHO 2ª a 6ª 06h30, 07h30, 11h30 e 11h45 Sáb. 06h30, 07h30, 11h30, 14h30, 17h. 17h15 e 18h45 Dom. 06h30, 07h30, 11h30, 14h30, 17h, 20h e 22h FORMIGA 2ª a Sab. 06h, 08h, 12h, 15h30 e 18h Dom. 06h, 11h, 15h e 19h ITAÚNA 2ª a 6ª 06h50, 08h45, 10h15, 11h45, 13h15, 14h45, 16h15, 17h45, 19h15 e 21h Sáb. e dom. 08h45, 10h15, 11h45, 13h15, 14h45, 16h15, 17h45, 19h15 e 21h LAGOA DA PRATA

NOVA SERRANA 2ª a sáb. 6h, 07h, 08h, 09h, 10h, 11h, 12h, 13h, 14h, 15h, 16h, 18h, 19h e 20h Dom. 07h, 08h, 10h, 12h, 14h, 15h, 16h 17h, 18h, 19h e 20h PITANGUI 2ª a sáb. 05h50, 10h30, 14h e 17h30 Dom. 05h50 e 14h BELO HORIZONTE Convencional - 2ª a sáb. A partir de 04h30 até às 19h30 de 30 em 30 minutos. 20h15, 21h e 23h Dom. 05h. A partir de 06h até às 15h de 30 em 30 minutos. 15h15, 15h30, 16h, 16h15, 16h30, 17h, 17h15, 17h30, 18h, 18h15, 18h30, 19h, 19h15, 19h30, 20h, 20h15, 20h30, 21h30 e 23 Executivo - 2ª a sáb. 06h30, 07h30, 09h30, 10h30, 12h30, 15h30 e 18h30. Dom. 07h30, 10h30, 15h15, 18h15, 19h15, 20h15

Preço de passagens saindo de Divinópolis Arcos = R$24,00 Bom Despacho = Oeste de Minas R$21,00/São Cristóvão R$ 24,00

Carmo do Cajuru – R$ 2,65 Formiga = R$ 17,00

Itaúna = R$ 11,70 Lagoa da Prata = R$ 24,50

Telefones Úteis

Acidentes de trânsito - 194 / Cemig - 0800 310 196 / Coor. da Defesa Civil - 147 / COPASA - 195 / Corpo de Bombeiros - 193 / Correios – Divinópolis - (37) 3222-0200 / Delegacia da Polícia de Mulher Divinópolis - (37) 3221-1201 / Polícia Militar - 190 / Pronto Socorro - Divinópolis - 192 / Rodoviária Divinópolis - (37) 3222-6666

Pará de Minas = R$ 17,00 Nova Serrana = R$ 11,70 Pitangui = R$ 17,00

no entorno da cidade várias opções: trilhas para a prática do Mountain Bike e Trekking, que permitem o contato com a natureza. O professor de educação física Henrique Vilela vai com frequência por ter avós que residem lá e sugere visitar a cidade no Carnaval. “Por ser uma cidade pequena, não é um carnaval com muitas

pessoas como em Ouro Preto e Diamantina, mas tem muita gente jovem da região e show ao vivo todos os dias. É imperdível”, afirma. “Tem muitos blocos carnavalescos neste período”, completa. Para quem se inspirou para passar uns dias, outras informações você encontra no site www.pitangui.mg.gov.br/v1

Mensagem

APRENDI EU APRENDI que a melhor sala de aula do mundo está aos pés de uma pessoa mais velha; EU APRENDI que ser gentil é mais importante que estar certo; EU APRENDI que eu sempre posso fazer uma prece por alguém quando não tenho a força para ajudá-lo de alguma outra forma; EU APRENDI que não importa quanta seriedade a vida exija de você, cada um de nós precisa de um amigo brincalhão para se divertir junto; EU APRENDI que algumas vezes tudo o que precisamos é de uma mão para segurar

e um coração para nos entender; EU APRENDI que deveríamos ser gratos a Deus por não nos dar tudo que lhe pedimos; EU APRENDI que dinheiro não compra “classe”; EU APRENDI que são os pequenos acontecimentos diários que tornam a vida espetacular; EU APRENDI que debaixo da “casca grossa” existe uma pessoa que deseja ser apreciada, compreendida e amada; EU APRENDI que Deus não fez tudo num só dia; o que me faz pensar que eu possa? EU APRENDI Que quanto menos tempo tenho, mais coisas consigo fazer.


10

JORNAL O PASSAGEIRO C.O

28 DE NOVEMBRO A 04 DE DEZEMBRO

EDIÇÃO 159

Fique por Dentro

Saiba como ser doador de medula óssea Cadastro nacional pode ser feito a partir dos 18 anos

Júlia Medeiros

mundo, com 2 milhões e 900 mil doadores? O país fica atrás Doador de medula óssea. apenas dos Estados Unidos, Você sabia que o Brasil se tor- com 5 milhões de doadores e nou o terceiro país com o maior da Alemanha, com registro 3 banco de dados do gênero no milhões de doadores. julia.opassageiro@gmail.com

Foto: Júlia Medeiros

Depois da homenagem aos doadores de sangue, o Hemominas prepara, de 17 a 21 de dezembro, a Semana Nacional da Doação de Medula Óssea

Essa é uma realidade conquistada pouco a pouco, já que quando o Registro Nacional de Doadores de Medula Óssea (Redome) foi criado em 2000, eram apenas 12 mil inscritos no país. O Redome funciona assim: por meio das informações do receptor (paciente), que não tenha um parente doador, os dados são buscados no Redome. A procura é por um doador cadastrado voluntário que seja compatível. Se encontrar, a partir daí, começa o processo de doação. CADASTRO: SEJA UM DOADOR O Hemominas, em Divinópolis, realizará de 17 a 21 de de-

zembro a Semana Nacional da Doação de Medula Óssea. As atividades ainda estão em fase final de desenvolvimento. De acordo com a captadora de doador do Hemominas, Mírian Amaral, para ser doador basta apenas ter boa saúde e idade entre 18 e 55 anos. “O cadastro é realizado em qualquer Hemocentro do Brasil. Para isso é preciso apresentar documento de identidade e fazer coleta de amostra de sangue, que é o exame de HLA que identifica a característica genética de cada pessoa. O doador fica cadastrado no Redome, e caso venha ser compatível, pode ser doador”, explica. Após confirmada a compatibilidade entre doador e paciente, o doador será

consultado novamente para decidir sobre a doação. O Redome é ligado ao Instituto Nacional de Câncer (Inca) e é o responsável pelo cadastro dos doadores do país e também pela procura de um doador em bancos internacionais, quando necessário. Em Divinópolis, o Hemominas funciona de segunda a sexta-feira, de 07h30 as 13h30. ATITUDE DO BEM Ajudar o próximo ainda em vida. Assim resume o estudante de Enfermagem Kleber Mendonça Costa, 22 anos, doador de medula óssea cadastrado no Redome desde os 18 anos. “É uma atitude de ajudar o próximo que podemos fazer ainda

em vida. Sabemos que é um procedimento que não tem risco, pois é feito com segurança, com todo o cuidado. Fiz o cadastro há cerca de quatro anos, mas ainda não fui chamado. Para o paciente que precisa, é raro achar alguém compatível, por isso fiz o cadastro e espero que mais pessoas tenham essa iniciativa”, afirma. QUEM NECESSITA DE TRANSPLANTE? Pacientes com produção anormal de células sanguíneas, geralmente causada por algum tipo de câncer no sangue, como a leucemia e linfomas, além de portadores de aplasia medular.

Cartórios voltam a emitir título de eleitor Serviços suspensos durante o período eleitoral são retomados

Amanda Quintiliano amanda.opassageiro@gmail.com

Quem precisa da primeira via do título de eleitor, fazer a transferência do local de votação ou pedir a revisão de dados já pode procurar o Cartório Eleitoral de sua cidade. Os serviços foram restabelecidos e estavam suspensos desde o dia 10 de maio devido ao período eleitoral, quando houve o fechamento do Cadastro Nacional de Eleitores. A paralisação é necessária para o Tribunal Superior Eleito-

ral (TSE) fazer o cruzamento de dados e contabilizar o eleitorado apto a votar nas eleições. Veja abaixo o que é necessário para tirar o título de leitor, transferir ou alterar dados:

serviço militar – em casos de homens maiores de 18 anos. O documento fica pronto na hora e o cidadão já sai com ele na carteira. Já quem pretende transferir o título para outro município deve levar o documento oficial de identificação com foto, título anterior e comprovante de residência.

ferência. Também é preciso estar residindo há mais de três meses no novo município. Ainda segundo informações do Cartório Eleitoral, só pode pedir quem não tiver solicitado inscrição (primeiro título) ou transferência (troca de município) há menos de um ano.

1ª VIA DO TÍTULO Para se inscrever como eleitor, de acordo com informações REVISÃO do Cartório Eleitoral, é preciso Também foram retomados os apresentar o documento ofiTRANSFERÊNCIA Apenas os eleitores que es- procedimentos para alteração cial de identificação com foto, comprovante de residência tiverem quites com a Justiça de dados. Os documentos nee certificado de quitação do Eleitoral podem pedir a trans- cessários para a revisão variam

de acordo com o que a pessoa deseja alterar. Se for em virtude de casamento ou separação, é preciso apresentar a certidão que comprove a alteração. Já se a mudança for apenas de endereço ou local de votação, é preciso levar ao cartório o comprovante de residência. Assim como no caso de transferência, o serviço só pode ser feito se o eleitor estiver quite com a Justiça Eleitoral. Quem também pode fazer alterações para ir às urnas com

condições melhores em 2014 são os eleitores com dificuldade de locomoção, sejam idosos ou com deficiências. Para isso, basta transferir o título para uma seção de fácil acesso. O prazo para essa mudança vai até o dia 14 de maio, data em que todos os procedimentos deverão ser novamente suspensos devido a mais uma eleição, desta vez para a escolha dos deputados federais e estaduais, senadores, governadores e presidente.

Crédito para pequenos empreendedores

Foram desenvolvidas linhas específicas, com taxas de juros de 0,64% ao mês Amanda Quintiliano amanda.opassageiro@gmail.com

Crédito de até R$ 15 mil, juros de 7,65% ao ano. Essa é mais uma modalidade de financiamento para quem deseja investir em negócio próprio. O Microcrédito Produtivo Orientado é oferecido desde setembro do ano passado e com a alta demanda, mudanças foram realizadas. A partir de agora não há mais restrição de idade para a adesão dos interessados, sejam pessoas físicas ou jurídicas. A linha é voltada para os pequenos empreendedores, como costureiras e sapateiros.

De setembro do ano passado até o dia 16 de outubro, o Banco do Brasil já atendeu 1,5 mil pessoas de Divinópolis e de municípios que correspondem a regional, créditos que totalizam cerca de R$ 2 milhões. Para cada cliente foi desenvolvida uma linha de modalidade específica com taxa de juros de 0,64% ao mês. “É uma linha subsidiada pelo governo, com juros muito atrativos, em condições muito privilegiadas”, comentou o superintendente regional do Banco do Brasil, Rinaldo Lima Oliveira. O público alvo são os empre-

endedores informais, individuais formalizados e microempresas com faturamento bruto anual de até R$ 120 mil. Para atendê-lo há linhas de crédito nas modalidades de giro e investimento com limite financiável de até R$ 15 mil e prazo de pagamento de até 12 meses para pessoa física e 18 meses para pessoa jurídica, de acordo com a finalidade dos recursos. Além do limite de idade houve outra alteração. “Na renda também houve uma melhoria, era de até R$ 3 mil e agora aumentou para R$ 5mil por mês para chegar a um público maior”, ex-

plica o gerente de Desenvolvimento Regional Sustentável, Carlos Geovane Queiroz. O microcrédito está alinhado ao Programa Nacional de Microcrédito do Governo Federal, conhecido também como Crescer. Entre os objetivos está também o aumento da qualidade de vida, a geração de emprego e o crescimento dos pequenos negócios que hoje são os principais empregadores no país. Para aderir o interessado pode procurar qualquer um dos bancos públicos, como o Banco do Brasil e Caixa Econômica Federal, ou um dos correspondentes bancários.

Foto: Amanda Quintiliano

Várias costureiras acompanharam a apresentação do programa que agora tem novos critérios de adesão


JORNAL O PASSAGEIRO C.O

28 DE NOVEMBRO A 04 DE DEZEMBRO

11

EDIÇÃO 159

Fique de Olho

ANIMAIS PEÇONHENTOS Como prevenir acidentes, comuns nessa época do ano Júlia Medeiros

Conversa com a Presidenta

Dilma Rousseff Presidente da República

julia.opassageiro@gmail.com

Aumento da temperatura, chuvas e risco de alagamentos. Essa é uma combinação perigosa e propícia para que animais peçonhentos como cobras, lagartas, aranhas e escorpiões saiam em busca de abrigo e alimento. Por isso, é nessa época do ano que os riscos de acidentes aumentam. De acordo com um levantamento da Unidade Técnica de Vigilância de Zoonoses do Ministério da Saúde, nos últimos dez anos houve um aumento de 157% no número de notificações, sendo 139 mil acidentes, com 293 óbitos apenas em 2011. O Nordeste é a região com maior índice de acidentes. Já o Sudeste ficou em 2º lugar, representado por Minas Gerais, com mais de 13 mil casos registrados. ATENÇÃO A atenção deve ser redobrada entre novembro e março, meses com maior incidência de chuva. Segundo o coordenador da Vigilância Ambiental, Wanderson de Freitas, os cuidados devem ser tanto na zona urbana como na rural. “Locais onde há entulhos, restos de materiais de construção, são os mais propícios para atrair os animais peçonhentos, ainda mais nessa época do ano, com o fator chuva e temperatura elevada”, afirma. O coordenador ressalta

Josane Maria Dias Nascimento, 46 anos, empreendedora de Cuiabá (MT) – Gostaria de saber como realmente funciona a implantação de creches nos bairros. Sou presidente do Clube de Mães e quero detalhes sobre esse assunto, onde devo ir e o que é preciso para implantar.

Foto: Divulgação

Cascavel foi recentemente capturada na zona rural de Divinópolis e encaminhada para a Funed, em Belo Horizonte

que o principal alimento da serpente é o roedor. Já do escorpião, são as baratas. “É preciso observar uma questão ambiental: se você realiza o controle desses animais, está também diminuindo as condições do aparecimento dos peçonhentos”, revela. Para a limpeza e manutenção de locais que possam abrigar animais peçonhentos, como lotes vagos, é preciso alguns cuidados. A dica é usar um calçado adequado, como botas, camisa de manga comprida. Para quem frequenta área de camping e caminhadas, também é preciso ter esses cuidados. ATENDIMENTO É regra. Em caso de picada de qualquer animal peçonhento, a vítima deve procurar a unidade de saúde mais próxima e lavar o ferimento apenas com água

e sabão. Cada pessoa pode ter uma reação e apenas o médico deverá avaliar qual o melhor procedimento para tratar a vítima. Nunca utilize receitas e procedimentos caseiros. CAPTURA Na zona rural de Divinópolis, recentemente uma cascavel foi capturada por um morador e levada até a Vigilância Ambiental, que posteriormente encaminhou o animal para a Funed, em Belo Horizonte. Segundo Wanderson, esse é o procedimento padrão em caso de captura. “A cascavel foi recebida pelos biólogos e catalogada. Foi retirado seu soro e ela está no serpentário da Fundação”, explica. O telefone da Vigilância em Saúde de Divinópolis é: (37) 3221-8790.

DICAS PARA PREVENIR CONTRA ANIMAIS PEÇONHENTOS: • Mantenha o quintal sempre limpo; • Não acumule lixo doméstico; • Reboque as paredes externas e os muros; • Remova as folhagens junto às paredes externas e muros; • Mantenha as caixas de gordura/esgoto sempre vedadas; • Mantenha caixas e pontos de energia vedados; • Ralos devem ser vedados ou fechados; • Antes do uso, examine roupas, calçados, meias e toalhas; • Mantenha os móveis afastados da parede; • Não deixe panos úmidos no chão.

ACERVO ONLINE DISPONIBILIZA FOTOS SOBRE A HISTÓRIA REPUBLICANA BRASILEIRA O Arquivo Público Mineiro (APM), órgão que integra a Secretaria de Estado de Cultura, está disponibilizando, por meio do Sistema Integrado de Acesso à Internet, documentos públicos produzidos entre 1927 e 1982 pelo Departamento de Ordem Política e Social de Minas Gerais (DOPS/MG), referentes à história política e social do estado e do país. No acervo estão relatórios policiais, depoimentos, aná-

lises periciais, processos judiciais, jornais, fotografias e outros documentos que servem como fonte inédita de pesquisa sobre a história republicana brasileira no período Vargas e no regime militar. Todo esse material também se encontra disponível para consulta física no APM. A disponibilização do acervo do DOPS/MG em meio digital vem alinhada à proposta da Secretaria de Estado de Cultura de democratizar o

acesso à informação pública, ao possibilitar ao cidadão a consulta de registros que o ajudem a reconstruir sua própria história. A organização dos 98 rolos de microfilmes onde se encontrava a documentação exigiu um trabalho meticuloso da equipe do Arquivo Público Mineiro. Os técnicos executaram ações de digitalização e gravação em CDs e fitas de preservação. Depois da organização desses documentos no acervo

da instituição, foi criado um banco de dados contendo, discriminadas, 5.489 pastas com cerca de 250.000 imagens para consulta. Uma parcela dessa documentação foi classificada como de “acesso restrito” por se tratar de informações referentes à vida privada de terceiros, com dados de cunho íntimo. Caso haja necessidade de consulta a essa documentação, o cidadão deve apresentar um requerimento protocolado.

Presidenta Dilma – Josane, vamos construir, em parceria com os municípios, seis mil creches e pré-escolas até 2014. Para isso, nós repassamos para as prefeituras os recursos para as obras e, no primeiro ano de funcionamento da creche, pagamos também o custeio. Atualmente, temos 3.019 creches em construção em todo o país, nas quais estamos investindo R$ 3,4 bilhões. Em Mato Grosso, todas as 83 unidades previstas para o estado até 2014 estão em andamento em 49 municípios, sendo 12 unidades em Cuiabá. Para que uma cidade receba o apoio do governo federal, o primeiro passo deve ser dado pela prefeitura, que deve assinar o Termo de Adesão ao Plano de Metas Compromisso Todos pela Educação e firmar convênio com o Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE) do Ministério da Educação. A prefeitura deve entrar em contato com o MEC pelo telefone 0800-616161, ou no portal do FNDE (www.fnde. gov.br). Cada creche pode atender de 120 a 240 crianças, dependendo do modelo adotado. As creches, Josane, são muito importantes nessa fase que vai dos primeiros dias de vida da criança até ela completar cinco anos, quando as crianças precisam de estímulos que serão decisivos para seu desenvolvimento nas etapas seguintes do aprendizado. Marcos Barbosa, 48 anos, funcionário público de Petrópolis (RJ) – Presidenta Dilma, gostaria de saber sobre a Emenda Constitucional n° 70 (EC-70), que trata da aposentadoria por invalidez do funcionário público federal, estadual e municipal. Essa emenda vai ser aprovada como lei? Presidenta Dilma – Marcos, essa Emenda foi aprovada pelo Congresso Nacional em março deste ano e já está em vigor. Dessa forma, os servidores que ingressaram no serviço público até 31 de dezembro de 2003 e que se aposentaram ou vierem a se aposentar por invalidez permanente terão seu benefício calculado com base na remuneração integral do cargo efetivo ocupado no momento da aposentadoria. O benefício poderá ser integral ou proporcional, dependendo do motivo da invalidez, e será reajustado pela paridade com a remuneração dos funcionários da ativa. Essa foi uma mudança importante para os servidores que ingressaram no serviço público até aquela época e que se aposentaram por invalidez com rendimentos reduzidos. Todos os órgãos públicos do Poder Executivo já receberam uma orientação sobre como proceder para efetuar o pagamento pelo novo valor. Se tiver mais alguma dúvida, Marcos, procure o setor de recursos humanos de seu órgão, que ele dará todas as orientações necessárias.


12

JORNAL O PASSAGEIRO C.O

28 DE NOVEMBRO A 04 DE DEZEMBRO

EDIÇÃO 159

Divinópolis

PERÍODO DE CHUVAS Atenção redobrada com a dengue Júlia Medeiros julia.opassageiro@gmail.com

Latas, garrafas, pneus, vasilhas e entulhos. Todo material que acumula água pode servir de criadouro para o Aedes aegypti, mosquito transmissor da dengue. Neste período de chuvas, o cuidado deve ser redobrado e mais uma vez a comunidade deve fazer a sua parte, contribuindo para que o índice registrado em Divinópolis permaneça baixo. O último Levantamento de Índice Rápido do Aedes Aegypti (LIRAA) revelou infestação de 0,5% no município, o que é considerado pelo Ministério da Saúde baixo risco de epidemia. Mas o coordenador da Vigilância Ambiental, Wanderson de Freitas, ressalta que os tra-

balhos de prevenção não devem parar e que entre dezembro e março, o índice de chuva é maior, favorecendo a proliferação do vetor Aedes Aegypti. “As pessoas devem sempre colaborar vistoriando seu local de trabalho, a residência, os locais onde frequentam. É uma prevenção diária, verificando se

Saúde, o tipo 4 não é mais grave que os outros tipos já constados no país, porém representa um risco maior para a população que já foi contaminada pelas outras variações da DENGUE 4 doença. Segundo Wanderson, Depois de 30 anos, a dengue existe a reintrodução do vírus tipo 4 voltou a circular no Bra- 4 na região Centro-Oeste. “Em sil. Segundo o Ministério da Divinópolis já tivemos a circu-

Foto: Divulgação

Cuidados devem ser redobrados durante o período de chuva. População deve contribuir em todos os períodos

Bom Despacho

UM ANO DE FEIRA LIVRE A Feira Livre Municipal do Produtor Rural e Artesão de Bom Despacho completou um ano de atividade. Criada a partir de uma ação conjunta da Prefeitura Municipal, EMATER, Associação dos Produtores e, mais recentemente, pela Associação dos Artesãos, a Feira Livre é realizada todos os sábados, de 7h as 13h, na Praça Olegário Maciel, em frente à Rodoviária.

existe uma condição favorável, como uma lata, garrafa para o criadouro. É preciso partir do discurso de combate a dengue para a ação efetiva”, pontua.

Com produtos fresquinhos, como ovos, queijos, verduras, legumes etc, os produtores comercializam o que há de melhor e dividem o espaço com barracas com comidas e bebidas. A feira, que já se consolidou no município, é hoje, além de ótimo local para comprar produtos frescos a preços populares, também um verdadeiro ponto de encontro da comunidade.

os cuidados não devem parar nunca; toda ação é importante”, finaliza. NÚMEROS Casos de dengue por ano de notificação e classificação final em Divinópolis, de 2007 a 2012. Dados referentes até o dia 13 de novembro.

Ano da notificação

Dengue Clássico

Dengue com complicações

Febre Hemorrágica do Dengue

2007 2008 2009 2010 2011 2012

193 106 271 4306 35 23

0 2 1 40 0 0

0 1 1 4 0 0

Descartado Total

168 175 169 701 268 161

361 284 441 5051 303 184

Fonte: SINAN / VE / DVS / SEMUSA

Carmo do Cajuru

TRANSIÇÃO DE GOVERNO Em Carmo do Cajuru já foi realizada a primeira reunião de trabalho da comissão de transição do governo César para o futuro governo José Clarete Pimenta, o conhecido Cabritinho, na última eleição. O encontro serviu para estabelecer parâmetros de trabalhos. Aos poucos essa comissão de transição vai se familiarizando com a rotina de trabalho da Prefeitura e de todos os projetos e convênios

lação viral tipo 1, 2 e 3. Isso quer dizer que a maioria da população já criou anticorpos contra esses tipos de dengue, adquirindo imunidade para esses vírus. Quando aparece um vírus novo, normalmente acontece uma epidemia porque grande parte de população está suscetível. Por isso,

que estão em andamento. Além dos membros técnicos, a comissão de transição conta com a supervisão direta do prefeito eleito Cabritinho e do seu vice-prefeito Roberto Fonseca. Durante o encontro, o prefeito César destacou que o momento vivido pelas prefeituras no país sugere muita cautela. Fruto da redução no repasse do FPM que compromete a saúde financeira dos municípios de pequeno e médio porte.

Nova Serrana

RECONHECIMENTO CULTURAL Estão em análise no Conselho Municipal de Políticas Públicas Culturais dois importantes registros para o município. O primeiro faz referência à Lira Musical São Sebastião, que completou 35 anos de atividades. A entidade é responsável por resgatar e perpetuar a tradição das bandas de músicas, levando emoção e alegria aos admiradores.

O outro registro trata do Coral de Vozes Municipal, com importante valor histórico e sentimental para Nova Serrana, resgatando todas as vozes do extinto Coral Santa Cecília. Ambas as instituições deverão ser reconhecidas em breve como patrimônio intangível do município de Nova Serrana, pelo o que representam para a comunidade.


JORNAL O PASSAGEIRO C.O

28 DE NOVEMBRO A 04 DE DEZEMBRO

13

EDIÇÃO 159

Pitangui

Formiga

JORNALISTA LANÇA LIVRO SOBRE A VIATURAS GANHAM HISTÓRIA DO TOMBAMENTO DE PITANGUI NOTEBOOKS A história do processo de tombamento do centro histórico de Pitangui, ocorrido em 2008, está sendo contada em detalhes no livro A construção do tombamento, do jornalista Marcelo Freitas, que foi lançado na quinta-feira, dia 22 de novembro, em Pitangui. No evento, o autor realizou uma palestra sobre o tema “O desafio dos 300 anos”, quando apresentou sugestões de medidas que precisam ser postas em prática para que a comemoração do tricentenário, em 2015, seja uma iniciativa bem sucedida e capaz de trazer benefícios para a cidade. Em seguida, autografou livros. O livro também foi lançado em Divinópolis, no dia 26. A construção do tombamento

faz um histórico da evolução urbana da cidade de Pitangui até o ano de 2008, quando ocorreu o tombamento, em meio a uma polêmica que envolveu o Instituto Estadual do Patrimônio Histórico e Artístico de Minas Gerais (Iepha), a Prefeitura e os proprietários de imóveis localizados na área tombada. O livro mostra como foi esse processo e lança um olhar sobre o futuro. Parte da ideia de que o tombamento, mais do que um ato jurídico, é um processo em permanente construção. A construção do tombamento é o primeiro livro da série Pitangui 300 anos, que será publicado até junho de 2015, quando o município completa seus três séculos de funda-

ção. No primeiro semestre do ano que vem, serão lançados dois livros. Um contará a história do teatro do cinema e do footing. O outro, a história da Companhia de Tecidos Pitanguiense que, por muitas décadas, foi a principal indústria do município. Também estão previstos livros sobre a educação, o futebol amador e a estrada de ferro, entre outros temas. O autor é formado pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). Trabalhou nos jornais Diário do Comércio, Hoje em Dia, O Tempo e Estado de Minas. Foi professor do curso de jornalismo da Faculdade Estácio de Sá de Belo Horizonte e diretor do Centro de Comunicação (Cedecom)

de Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). Atualmente é colaborador do jornal Estado de Minas, onde edita o suplemento Pensar e Agir. Para ele, o livro deve ser lido com um olhar sobre o passado e outro sobre o presente e o futuro. “O tombamento de um centro histórico, como o de Pitangui, é um processo contínuo. Quais são as próximas etapas? Como eu me coloco nesse processo? Em que medida eu posso contribuir? Para que não haja frustração de expectativas e se possa, ao mesmo tempo, comemorar os avanços, é assim que o tombamento do centro histórico de Pitangui deve ser visto – como um processo em construção”, ressalta o autor.

Formiga

LAGO DE FURNAS TEM BAIXO NÍVEL E AFASTA TURISTA Quem procura descanso e passeio nas águas de furnas pode ter uma grande decepção. O nível da água baixou 40m em alguns lugares. Toda a água que chega está sendo retida na usina para gerar energia. Os clubes e outros pontos turísticos tiveram uma queda de 80% no movimento. O mar de Minas está praticamente seco. Para ser navegável, o nível da água não deve baixar mais de 15m. De acordo com o secretário

tas da usina estão fechadas desde o dia 1º de novembro, o que significa que toda a água que chega à usina está sendo utilizada pelas unidades geradoras para a produção de energia. Hoje, o nível do reservatório está com 22,5% do volume útil, sem comproFoto: Divulgação meter a geração da energia. A O nível da água baixou 40m em alguns lugares do município. Para ser assessoria informou ainda que navegável, não deve baixar mais que 15m o reservatório está com níveis municipal de Turismo, EduarDe acordo com a assessoria compatíveis com o final do pedo Batista Souza, o prejuízo de comunicação de Furnas ríodo de estiagem e início do ultrapassa os R$ 2 milhões. Centrais Elétricas, as compor- período chuvoso.

CONFIRA O HORÁRIO ESPECIAL DO COMÉRCIO A movimentação do comércio neste final de ano deve ser maior que no ano passado. Lojistas estão confiantes na expectativa de vendas para este Natal. É esperado um aumento de até 15%. Para facilitar e garantir que todos possam ir às compras, o CDL de Divinópolis conta com um horário especial que começa no dia 08 de dezembro, de 09h as 18h. Confira o quadro completo:

Foto: Glaudson Rodrigues/Últimas Notícias

Os aparelhos ficam nas viaturas para facilitar o registro dos Boletins de Ocorrências

Inovação. A partir de agora os policiais militares de Formiga contam com uma nova ferramenta de trabalho: notebooks. Três aparelhos doados pela comunidade serão utilizados por militares durante a ronda, possibilitando o registro do Boletim de Ocorrência de forma mais ágil e prática. Com os equipamentos os policiais também poderão consultar documentos de

veículos, dados sobre os proprietários, condutores e de pessoas abordadas, como antecedentes criminais, mandados. Antes, eles só conseguiam essas informações na delegacia ou na 13ª Companhia. A expectativa é de mais viaturas serem equipadas com os notebooks. Inicialmente, deverão ser instalados mais quatro.


14

JORNAL O PASSAGEIRO C.O

28 DE NOVEMBRO A 04 DE DEZEMBRO

Comportamento

EDIÇÃO 159

Flávia Duenhas Psicóloga - Especialista em Liderança e Gestão de Pessoas. Bacharel em Ciências Contábeis flavia.opassageiro@gmail.com

ENFRENTANDO MUDANÇAS DE VIDA A escritora Clarice Lispector inicia um texto belíssimo intitulado “A gente se acostuma” com a seguinte frase: “Eu sei que a gente se acostuma. Mas não devia”. Realmente, é comum nos acostumarmos e nos acomodarmos diante dos acontecimentos da vida. Pode ser uma relação amorosa desgastada onde não há mais paixão e nem o desejo da companhia do outro, um trabalho que não lhe permite crescer enquanto profissional e nem como pessoa, uma amizade em que não há troca, mas apenas uma parte dos envolvidos é beneficiada, entre outros vários eventos do nosso cotidiano em que poderíamos passar horas

discutindo a respeito. Entretanto, é interessante pensarmos que nada é permanente. O mundo está em constante movimento e por consequência as pessoas também estão. Pode parecer mais fácil evitar as adversidades da vida ou adiar decisões importantes e que promoverão libertação, crescimento e conhecimento pessoal, além de felicidade. Adaptarmo-nos ao novo exige tempo para processar e disposição para efetivar a mudança. As mudanças nos colocam de frente ao inesperado, ao que está fora do controle, mas também possibilita por em ação habilidades que não imaginávamos possuir.

O período do final do ano é sempre um bom momento para propormos mudanças. É quase inevitável realizar um balanço do ano que está prestes a ir embora e propor mudanças para o ano seguinte. Mas falando francamente, quantas das mudanças propostas no início de cada novo ano se tornaram reais? As mudanças não podem nos incomodar, nos deixar de mãos atadas diante da novidade. As mudanças, ao contrário sempre trazem inovações, novas ideias, novos ideais. As mudanças permitem que sejamos surpreendidos, muitas vezes por coisas boas. Só precisamos ter coragem e vontade de

enfrentá-las. Não que esta seja uma tarefa fácil, mas é preciso sair da zona de conforto em que muitas vezes nos acostumamos a permanecer. Mas para promovermos a mudança, normalmente é necessário que façamos uma escolha. As escolhas, por sua vez, implicam em abandonar aquilo que não foi escolhido. Apresenta-se então um misto de dor pela perda e pelo ter de abrir mão de algo e, ao mesmo tempo, surge uma satisfação por se tomar uma decisão em função de algo que acreditamos ser o mais correto e o melhor. Diante de todas essas emoções que uma mudança

pode provocar, muitos optam por se manter estáticos, no mesmo lugar, vivenciando repetidamente as mesmas experiências. Talvez com o intuito de não sofrer, com medo de se libertar e enfrentar o inesperado e o desconhecido, sendo obrigados a deixar para trás o que foi experimentado e que é cômodo. Mais uma vez citando Clarice Lispector “...a gente se acostuma a coisas demais, para não sofrer. Em doses pequenas, tentando não perceber, vai afastando uma dor aqui, um ressentimento ali, uma revolta acolá [... ] se acostuma para evitar feridas, sangramentos, para poupar o peito. Que aos

poucos se gasta, e que gasta de tanto se acostumar, e se perde de si mesmo.” Diante das dores e delícias proporcionadas pelas mudanças, por que não enfrentarmos nossos desejos autênticos, por que não nos acostumarmos com coisas que realmente queremos para nossas vidas e não com o contrário? Será que ao realizarmos essas mudanças o ganho não pode ser maior do que o conforto desconfortável que nos proporcionamos dia após dia? Não tenhamos medo! A vida pode ser reinventada, o que está defeituoso pode ser consertado e o que está ruim pode ser melhorado. Só depende de cada um!

COMO LIDAR COM O DESEMPREGO NO FINAL DO ANO? Especialistas ensinam a como dar a volta por cima

Cíntia Teixeira cintia.opassageiro@gmail.com

Nem só de festas, formaturas e “amigo oculto” se faz um final de ano. Se para alguns a chegada dele é uma alegria, para outros, é motivo de grande preocupação e tristeza. Segundo dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (CAGED), no último trimestre a área empresarial teve o maior índice de desemprego, em contrapartida, o comércio teve um crescimento de até 9% devido às contratações temporárias. Fato é que o desemprego pode afetar qualquer pessoa. Seja um estagiário até o mais

alto executivo de uma grande empresa. Mas, especialistas na área de Recursos Humanos ensinam como dar a volta por cima e ter esperança de um novo emprego. Não é nada agradável perder o emprego. As causas variam muito. Pode ser uma contenção de gastos da empresa ou mesmo uma incompatibilidade entre o profissional e o cargo que ele ocupava. Quando isso ocorre é importante tomar atitudes para que possa dar a volta por cima. “Primeiramente, não se deixe abater nem destrua sua autoconfiança. Essas coisas acontecem e você tem que ser fle-

guia imaginar trabalhar em outro lugar. Fiquei muito mal e revoltado porque sempre “vesti a camisa”, depois tive que começar a pedir aos amigos para ajudarem na busca do novo emprego”, comenta o vendedor Paulo Oliveira. Mariana Becker explica que é importante ver o lado positivo do desemprego. “Pode ser: crescimento profissional, Visite feiras e exposições da área para ajudar a conter o desespero oportunidade de experiênnatural e sentir aquela sensação de que o chão não desapareceu cias novas, busca de novos xível. Uma demissão só muda tícia, a situação não é tão sim- conhecimentos e até mesmo o local dos seus objetivos, não ples e demora algum tempo um novo foco de atuação a essência deles”, ensina a es- para conseguir a coragem de no mercado.” E ensina como pecialista em Recursos Huma- dar a volta por cima. “Eu era turbinar o currículo. “Tenha funcionário da empresa tinha o currículo atualizado, como nos Mariana Becker. Mas, para quem recebe a no- quase oito anos e não conse- bancos de dados online, reFoto: Divulgação

des sociais e reative o seu networking (rede de contatos). Envie o currículo e aguarde um contato por parte da empresa para a entrevista.” E no período em que a vaga no emprego ainda não acontece? O que se pode fazer para não ficar depressivo e sem esperança? “Saia com os amigos, passeie e viaje. Faça cursos, mesmo que gratuitos pela internet. Visite feiras e exposições da área para ajudar a conter o desespero natural e sentir aquela sensação de que o chão não desapareceu para se sentir melhor e com vontade de seguir em frente”, finaliza.

SINAL VERDE PARA A MAQUIAGEM DE FESTAS Foto: Divulgação

A cor está em alta e promete ser o destaque para quem deseja brilhar nas festas de fim de ano

Vai começar a maratona de festas de final de ano e se você já está agendada para alguma formatura, comemoração da firma ou o que pintar, veja a sugestão de uma maquiagem com destaque

para sombra verde. Antes de colorir os olhos, use uma base compacta em todo rosto. O produto faz a maquiagem durar por mais tempo. Em seguida, vem a sombra em pó verde metalizada em

toda pálpebra superior da raiz dos cílios até a dobrinha dos olhos. A cor está em alta na beleza e é democrática: deixa todas lindas. O blush bronze completa o visual e vai bem nessa

temporada. Vale a pena aplicar com um pincel chanfrado, aos poucos, e sem exagerar na dose. Escolha um batom cor de boca, que pode ser usado diretamente nos lábios.

Combine ou não essa maquiagem com a roupa. Fica perfeita com preto, branco ou verde. Se você gosta de contraste, que tal vestir azul? Quem falou que não pode? A escolha é sua. Experimente!


JORNAL O PASSAGEIRO C.O

28 DE NOVEMBRO A 04 DE DEZEMBRO

TRAILLE 22-11-2012 - Bom Despacho

GAREGE MUSIC BAR - Araújos

DIVINÓPOLIS GAREGE MUSIC BAR - Araújos

15

EDIÇÃO 159

conselho) + Dj Magrão

HANGAR MUSIC BAR :

TRAILLE 22-11-2012 - Bom Despacho

Sexta : 30/11/2012

Domingo 02/12

Red Fox + João e Natilia +

Grupo So H - participação:

Isabela Resende

Leno Toque A + 17 horas Realização: C@rlão

GAREGE MUSIC BAR - Araújos

Sábado : 01/12/2012 Grupo Chamego + Cristian e

TRAILLE 22-11-2012 - Bom Despacho

PARÁ DE MINAS GIRUS DISCO SHOW

Rallen

Sábado : 01/12/2012 POINT BEER : GAREGE MUSIC BAR - Araújos

Girus Show - Gabriel Gava

5ª Feira 29/11/2012

Scotch bares - Cash e Logan

Banda Zé Rock ( pop-rock in-

Girus Disco - DJ Hebert Silveira

ternacional e nacional)

Scotch Túnel - DJ Geninho/

TRAILLE 22-11-2012 - Bom Despacho

Flash Back anos 70,80 e 90 6ª Feira 30/11 Chula Rock Band + Banda GAREGE MUSIC BAR - Araújos

Floral

LAGOA DA PRATA 01/12/2012

TRAILLE 22-11-2012 - Bom Despacho

La Villa + Israel e Rodolffo Sábado 01/12 Maycon Mazza (Samba Rock) + Igor Corradi-( Um simples

Agenda completa no site : www.diviweb.com.br

LUX LOUNGE 23-11-2012 - Divinópolis

LUX LOUNGE 23-11-2012 - Divinópolis

LUX LOUNGE 23-11-2012 - Divinópolis

LUX LOUNGE 23-11-2012 - Divinópolis

LUX LOUNGE 23-11-2012 - Divinópolis


16

JORNAL O PASSAGEIRO C.O

28 DE NOVEMBRO A 04 DE DEZEMBRO

EDIÇÃO 159

Esporte Éder Lopes Ex-jogador ederlopes.opassageiro@gmail.com

CRUZEIRO BATE O COXA Galo ainda sonha com vice-campeonato

O Cruzeiro fez a última partida no estádio Independência. Bateu o Curitiba por 2 a 1, com gols de Wellington Paulista e Leandro Guerreiro. Pela equipe paranaense, Everton Ribeiro fez o gol. Em um jogo bastante movimentado, o Cruzeiro buscava a terceira vitória consecutiva, pressionou a equipe do Curitiba o tempo todo com um esquema tático totalmente diferente. O Cruzeiro vem subindo de produção justamente no final da competição. Desde que Celso Roth optou pela formação mais ofensiva

está colhendo resultados. O Cruzeiro tinha um retrospecto negativo jogando no Independência, tinha um aproveitamento de 47%, com cinco vitórias, dois empates e cinco derrotas. Agora entra em totais condições de igualdade para o clássico contra o Galo. Atlético e Botafogo também fizeram um jogo de muitos gols. O Botafogo saiu perdendo de 1 a 0 com um lindo gol de Bernard, mas em poucos minutos conseguiu o empate e a virada, mas na volta do segundo tempo o Atlético melhorou, pois estava com

um jogador a menos. Júnior César foi expulso, mas como o Botafogo dava condições de contra-ataque, o Atlético aproveitou o descuido e Richarlisson fez o gol de empate. O placar parecia permanecer no empate, quando Rever fez o terceiro gol do galo, garantindo à equipe mineira o sonho do vice-campeonato. O Atlético não contou com sua estrela maior, R49 contundido não jogou, e também Marcos Rocha foi outro desfalque. Agora vamos esperar o clássico para saber quem termina o ciclo no

TROFÉU ZÉ CAPITÃO SERÁ NA PRÓXIMA SEMANA

O evento considerado o “Oscar do Agronegócio” comemora a sua 6ª edição O Troféu Zé Capitão será realizado no dia 6 de dezembro, às 20h, no Salão Yellow Hall. O objetivo do evento é valorizar e fomentar o agronegócio regional por meio de premiações aos produtores rurais, criadores de bovinos e equinos, empresas e pessoas envolvidas com o segmento e aos competidores de provas funcionais em Rodeios. O Troféu é considerado o “Oscar do Agronegócio”, único evento do gênero em todo o estado de Minas. Um dos homenageados

deste ano será o locutor de rodeio Fábio Pereira, que receberá o troféu como “Destaque Locutor de Rodeio 2012”. Neste ano, uma das novidades será a exibição de um vídeodocumentário sobre a vida de Zé Capitão, produzido pela Funedi/Uemg. O primeiro Troféu Zé Capitão, que leva o nome do divinopolitano, considerado o pioneiro nos rodeios no Brasil, aconteceu em 2007. O evento foi realizado no Point Beer e reuniu, em sua primeira edição, cerca de 150 participantes

e homenageou diversas categorias. “De lá pra cá, o evento cresceu muito e estamos com expectativa de receber aproximadamente 800 pessoas nesta edição”, declara Ricardo Salgado, idealizador do evento. Os artistas “Rodrigo Lemos e Banda” e “João Paulo e Natália” farão os shows de entrega do Troféu. Os ingressos estão sendo vendidos na Divicountry e Divina Panela. A cozinha está sob a responsabilidade da Frangoline e o evento será open bar, atendo à solicitação do público.

Independência, já que em 2013 o Cruzeiro passa a mandar seus jogos no Mineirão. SÉRIE B Pela série B, o América encerrou sua participação ficando com 55 pontos e ocupando a oitava colocação. O América era um dos fortes candidatos ao acesso para série A. Tinha um time competitivo e tecnicamente em nível de equipes da série A, mas vários fatores cruzaram o caminho do Coelho: troca de treinadores, atletas pegos em noitadas e a perda da motivação. O América figurou treze vezes

nas quatorze disputas no G4 e terminou a competição com dezesseis pontos a menos que os primeiros colocados. Em 2013, tem que apostar mais em jogadores feitos no clube. A base sempre foi a alternativa mais certa. O Boa Esporte terminou com 44 pontos e a décima quinta colocação. Já o Ipatinga ficou com 31 pontos e foi o décimo nono colocado, sendo rebaixado para série C. Há boatos que o Ipatinga vai para Betim, se isso acontecer será bom trazer com ele o futebol, pois parece que desaprenderam. Não basta

mudar de cidade, o que tem que mudar são as atitudes. Eu não poderia deixar de comentar sobre a Seleção Brasileira. Ela ainda continua sem rumo e sem comando. Após demitir Mano Menezes, vários nomes foram especulados, até do ex-treinador do Barcelona, Pep Guardiola, além dos brasileiros Felipão, Abel Braga, Tite e Muricy Ramalho. Enquanto várias seleções já têm time formado, nós continuamos na incógnita. A verdade é que continuam brincando com a paixão nacional, o futebol.


Jornal O Passageiro