Issuu on Google+


Introdução: Nós gostamos de realizar este trabalho Recursos Energéticos Renováveis, porque sempre aprendemos alguma coisa que não sabíamos. Dentro deste tema vamos falar sobre as energias.


Energia solar: Energia solar é a designação dada a qualquer tipo de captação (e, em

certo sentido, da energia térmica) proveniente do Sol, e posterior transformação dessa energia captada em alguma forma utilizável pelo

homem, seja directamente para aquecimento de água ou ainda como energia eléctrica ou mecânica. Ao passar pela atmosfera terrestre, a maior parte da energia solar

está na forma de luz visível ou luz ultravioleta. Energia solar é aquela proveniente do Sol (energia térmica e

luminosa). Sendo depois utilizada pelo Homem como energia eléctrica ou para o aquecimento de água.


Vantagens sobre a energia solar: 

A energia solar não polui durante seu uso. A poluição decorrente da fabricação dos equipamentos necessários para a construção dos painéis solares é totalmente controlável

utilizando as formas de controles existentes actualmente. 

As centrais necessitam de manutenção mínima.

Os painéis solares são a cada dia mais potentes ao mesmo tempo que seu custo vem decaindo.

A energia solar é excelente em lugares remotos ou de difícil acesso, pois sua instalação em pequena escala não obriga a enormes investimentos em linhas de transmissão.

Em países tropicais, como o Brasil, a utilização da energia solar é viável em praticamente todo o território, e, em locais longe dos centros de produção energética, sua utilização ajuda a diminuir a demanda energética nestes e consequentemente a perda de energia que ocorreria na transmissão.


Desvantagens da energia solar: 

Os preços são muito elevados em relação aos outros meios de energia.

Existe variação nas quantidades produzidas de acordo com a situação atmosférica (chuvas,

neve), além de que durante a noite não existe produção alguma, o que obriga a que existam meios de armazenamento da energia produzida durante o dia em locais onde os painéis solares

não estejam ligados à rede de transmissão de energia. 

Locais em latitudes médias e altas (Ex: Finlândia, Islândia, Nova Zelândia e Sul da Argentina e

Chile) sofrem quedas brusca s de produção durante os meses de inverno devido à menor disponibilidade diária de energia solar. Locais com frequente cobertura de nuvens (Curitiba, Londres), tendem a ter variações diárias de produção de acordo com o grau de nebulosidade. 

As formas de armazenamento da energia solar são pouco eficientes quando comparadas por exemplo aos combustíveis fósseis (carvão, petróleo e gás), a energia hidroeléctrica (água) e a biomassa (bagaço da cana ou bagaço da laranja).


Notícia sobre a Energia Solar: A maior planta de energia solar do mundo foi inaugurada no dia 28/03/2007 em Portugal. A planta, que custou US$ 78,5 milhões e tem capacidade para produzir 11 megawatts de energia, é um projecto

conjunto das empresas americanas GE Energy Financial Services e PowerLight Corporation e da companhia de energia renovável portuguesa Catavento. Os painéis para captar a energia solar

espalham-se por uma área de 60 hectares em Serpa, 200 km a sudeste de Lisboa, em uma das regiões mais ensolaradas da Europa, com 3.300 horas de luz solar por ano.


A nova planta deve produzir energia suficiente para 8.000 casas e também deve prevenir a emissão de 30 mil toneladas de gases

de efeito estufa por ano, quando comparada a combustíveis fósseis. A planta, que começou a ser construída em Junho de 2006, produzirá 20 giga watts de energia por hora na fase inicial. "Esta é a planta de

energia solar mais produtiva no mundo, e produzirá 40% mais energia do que a segunda maior, em Pocking, na Alemanha", disse Howard Wenger, da Powerlight. Portugal depende quase totalmente de energia

importada, mas está desenvolvendo projectos de energia solar, eólica e de ondas. O país planeja investir US$ 10,8 bilhões em projectos de energia renovável nos próximos cinco anos.


Algumas imagens da Energia Solar:


Energia Eólica: A energia eólica tem sido aproveitada desde a antiguidade para mover os barcos impulsionados por velas ou para fazer funcionar a engrenagem de moinhos, ao mover as suas pás. Nos moinhos de vento a energia eólica era transformada em energia mecânica, utilizada na

moagem de grãos ou para bombear água. Os moinhos foram usados para fabricação de farinhas e ainda para drenagem de canais, sobretudo nos Países Baixos.


Vantagens sobre a Energia Eólica:  É uma fonte de energia segura e renovável;  Não polui;  Suas instalações são móveis, e quando retirada, pode-se refazer toda a área utilizada;  Recurso autónomo e económico;


Desvantagens sobre a Energia Eólica:  Impacto visual: sua instalação gera uma grande modificação da

paisagem;  Impacto sobre as aves do local: principalmente pelo choque delas nas pás, efeitos desconhecidos sobre a modificação de seus

comportamentos habituais de migração;  Impacto sonoro: o som do vento bate nas pás produzindo um ruído constante;

 As casas do local deverão estar, pelo menos, a 200m de distância.


Notícia sobre a Energia Eólica: A Empresa de Pesquisa Energética (EPE) habilitou tecnicamente 399 projectos de geração eólica para o leilão de energia de reserva que acontecerá em 14 de Dezembro, destinado exclusivamente para contratação de energia gerada a partir deste tipo de matriz. A capacidade somada dos empreendimentos é de 10.005 megawatts. A maior quantidade de projectos está no Ceará, com 108, e Rio Grande do Norte, com 105. Em termos de potência instalada, os projectos do Rio Grande do Norte têm 3.629 MW, enquanto os do Ceará têm 2.515 MW. O Rio Grande do Sul, com 67 empreendimentos, vem a seguir, com 2.238 MW. Em nota, o presidente da EPE, Mauricio Tolmasquim, afirmou que o sucesso deste primeiro leilão pode propiciar o maior aproveitamento do alto potencial de geração eólica do país. "A contratação de energia eólica, neste momento, reforça ainda mais a posição que o Brasil levará para a Conferência do Clima

em Copenhague, de promover a manutenção do perfil altamente renovável da matriz energética brasileira", disse Tolmasquim no comunicado.


Algumas imagens da Energia E贸lica:


Energia Geotérmica: Energia geotérmica ou energia geotermal é a energia obtida a partir do calor proveniente da Terra, mais precisamente do seu interior. Devido a necessidade de se obter energia eléctrica de uma maneira mais limpa e em quantidades cada vez maiores, foi desenvolvido um

modo de aproveitar esse calor para a geração de electricidade. Hoje a grande parte da energia eléctrica provém da queima de combustíveis fósseis, como o petróleo e o carvão mineral, porém, esses métodos são

muito poluentes.


Para que possamos entender como é aproveitada a energia do calor da Terra devemos primeiramente entender como nosso planeta é constituído. A Terra é formada por

grandes placas, que nos mantém isolados do seu interior, no qual encontramos o magma, que consiste basicamente em rochas derretidas. Com o aumento da profundidade a

temperatura dessas rochas aumenta cada vez mais, no entanto, há zonas de intrusões magmáticas, onde a temperatura é muito maior. Essas são as zonas onde há elevado potencial geotérmico.


Vantagens sobre a Energia Geotérmica: 

Limpa- As centrais geotérmicas, como vento e centrais solares, não têm de queimar combustíveis para manufacturar o vapor para mover as turbinas. A geração de electricidade com

a energia geotérmica ajuda a conservar combustíveis fósseis não renováveis, e reduzindo o uso desses combustíveis, reduzimos emissões que prejudicam a nossa atmosfera. Não há nenhum ar

fumegante à volta de centrais geotérmicas – de facto algumas são construídas no meio de colheitas de quintas e florestas, e partilham terreno com o gado e vida selvagem local. 

Não prejudica a terra- As instalações geotérmicas não precisam de barrar rios ou de colher florestas – e não há cabos de minas, túneis, covas abertas, pilhas de lixo ou derramamentos de óleo.

Fiável- As centrais geotérmicas são projectadas para funcionar 24 horas por dia, durante todo o ano. Uma central geotérmica situa-se directamente por cima da sua fonte de combustível. É

resistente a interrupções de geração de energia devido a condições atmosféricas, catástrofes naturais ou cisões políticas que podem interromper o transporte de combustíveis.

Flexível- As centrais geotérmicas podem ter desenhos modulares, com unidades adicionais instaladas em incrementos quando necessário para se ajustar à crescente procura de

electricidade.


Desvantagens sobre a Energia Geotérmica:  Se não for usado em pequenas zonas onde o calor do interior da Terra vem á superfície através de géiseres e vulcões, então a perfuração dos solos para a introdução de canos é dispendiosa;  Os anti-gelificantes usados nas zonas mais frias são poluentes: apesar de terem uma baixa toxicidade;

 Este sistema tem um custo inicial elevado, e a barata manutenção da bomba de sucção de calor (que por estar situada no interior da Terra ou dentro de um edifício não está exposta ao mau tempo e a vandalismo), é

contrabalançada pelo elevado custo de manutenção dos canos (onde a água causa corrosão e depósitos minerais).


Notícia sobre a Energia Geotérmica: Açores : Geotermia será responsável por 36 por cento de toda a energia São Miguel

A empresa Sogeo anunciou no dia 10/11/2004 que a energia geotérmica será, no final de 2006, responsável por 36 por cento do total da electricidade produzida em São Miguel, a maior ilha dos Açores. Para isso, a empresa vai investir 3,7 milhões de euros na abertura de quatro novos poços

geotérmicos na ilha (que aproveitam o vapor do interior da terra para produção energética), disse o presidente do grupo EDA, Monteiro da Silva, que falava em conferência de imprensa. Segundo

adiantou, três dos novos poços serão enquadrados na remodelação da central do Pico Vermelho, enquanto que o quarto destina-se a optimizar a capacidade de produção da central da Ribeira Grande.

Os trabalhos vão ser executados por uma empresa especialista, a Iceland Drilling, que já desenvolve a sua actividade nos Açores há cerca de uma década. Monteiro da Silva salientou, ainda, que as energias renováveis "são a melhor solução para os Açores", tendo em conta o elevado preço do transporte dos combustíveis para as ilhas, associado ao valor do petróleo no mercado internacional.


O responsável da Sogeo admitiu, porém, que o contributo da geotermia para o total de energia produzida na ilha de São Miguel não

deverá, no futuro, ultrapassar os 40 por cento, uma limitação imposta por razões técnicas. A produção de energia geotérmica é "mais barata" de

todas as renováveis, apesar do grande investimento inicial necessário à partida, reconheceu. A Sogeo pretende, também, remodelar a central do Pico Vermelho, negociações que deverão estar concluídas até final do ano, o que vai implicar a instalação de uma nova unidade de produção eléctrica e a desactivação do actual equipamento em funcionamento desde 1980,

disse. De Janeiro a Setembro, a empresa obteve um resultado líquido de 1,3 milhões de euros, contra os 830 mil euros registados no mesmo

período de 2003.


Algumas imagens sobre a Energia GeotĂŠrmica:


Energia Hídrica: A energia hídrica é a energia obtida a partir da energia potencial de uma massa de água. A forma na qual ela se manifesta na natureza é nos fluxos de água, como rios e lagos e pode ser

aproveitada por meio de um desnível ou queda d'água. Pode ser convertida na forma de energia mecânica (rotação de um eixo) através de turbinas hidráulicas ou moinhos de água. As turbinas por sua vez podem ser usadas como accionamento de um equipamento industrial,

como um compressor, ou de um gerador eléctrico, com a finalidade de prover energia eléctrica para uma rede de energia.


Vantagens sobre a Energia Hídrica:  Produção de energia eléctrica sem necessidade de poluição e é uma fonte contínua de energia;  As barragens podem permitir regular os cursos de água;  A energia produzida pode ser armazenada.


Desvantagens sobre a Energia Hídrica:  A construção de barragens tem um grande impacto geográfico e biológico, pois altera a fauna e flora do local onde é construída a barragem;  Obriga à inundação de grandes áreas;  Existe o risco de ruptura da barragem e provocar uma grande cheia com poder altamente destrutivo.


Noticia sobre a Energia Hídrica: Erik Lahnstein, membro do governo norueguês chega a Luanda no dia 3 de Fevereiro de 2011 para analisar com as autoridades angolanas formas de

cooperação ao nível do aproveitamento da energia hídrica. «Vou a Angola para impulsionar o diálogo político entre os nossos dois países», afirma a propósito. A Noruega, sexto maior produtor deste tipo de energia, tem em Angola o seu

maior parceiro no continente africano. Os investimentos noruegueses em Angola valem sete biliões de dólares e encontram-se aplicados principalmente

no sector do petróleo. Actualmente, algumas empresas norueguesas de produção de alumínio e de fertilizantes perspectivam a sua entrada em Angola.


Algumas imagens sobre a Energia HĂ­drica:


Bibliografia: www.wikipĂŠdia.com


Conclus達o:


Trabalho realizado por: Jéssica Santos Sara Loureiro Ana Lúcia João Pedro

Nº7 Nº11 Nº1 Nº8


energias