Page 1

PROJETO DE INTEGRAÇÃO SEGURANÇA E SAÚDE NO TRABALHO CONDIÇÕES AMBIENTAIS

FERNANDO JOSÉ DA SILVA Engenheiro Civil Engenheiro De Segurança Do Trabalho www.formalit.com.br


CONDIÇÕES AMBIENTAIS DE TRABALHO

www.formalit.com.br


As CONDIÇÕES AMBIENTAIS, isto é, as condições do ambiente em que se encontra o trabalhador, também, SÃO IMPORTANTES QUANDO SE FALA EM SEGURANÇA.

A empresa deve sempre buscar conduzir as ações contidas nos programas de segurança e saúde dos trabalhadores com a participação de todos. Dessa forma, reduzir os riscos no trabalho será mais fácil. www.formalit.com.br


A construção civil possui atividades que, devido as suas características, são consideradas perigosas, pois expõe seus trabalhadores a riscos ocupacionais. Esses riscos podem ser maiores ou menores dependendo do tipo e do porte do empreendimento. Mas somente o tipo e porte da construção são suficientes para que o trabalhador esteja seguro em seu ambiente de trabalho? www.formalit.com.br


Se a obra em que você trabalha ou pretende trabalhar possui mais de 20 operários, mesmo que estes não pertençam a mesma empresa, é obrigatório que ela possua o Programa de Condições e Meio Ambiente de Trabalho – PCMAT. www.formalit.com.br


Visando a saúde e a segurança no trabalho, é necessário que a empresa adote o Programa de Condições e Meio Ambiente de Trabalho (PCMAT), conforme a norma NR-18 - Norma Reguladora (NR), estabelecida pelo Ministério do Trabalho e Emprego.

www.formalit.com.br


Busque informações com o seu encarregado sobre este programa e saiba mais sobre as ações para diminuir os riscos em seu ambiente de trabalho.

www.formalit.com.br


www.formalit.com.br


.

RISCOS AMBIENTAIS NO TRABALHO

www.formalit.com.br


Você sabe o que são RISCOS AMBIENTAIS TRABALHO?

NO

www.formalit.com.br


Os riscos ambientais são aqueles causados por agentes físicos, químicos e biológicos, existentes no ambiente de trabalho, e que podem causar danos à saúde e a integridade física do trabalhador. Contudo, somente a presença destes agentes não é suficiente. As suas concentrações e o tempo de exposição do trabalhador a determinado agente também interfere nesses riscos. www.formalit.com.br


Estes agentes fĂ­sicos, quĂ­micos e biolĂłgicos, relacionado ao ambiente de trabalho, podem ser percebidos nos riscos conhecidos como ocupacionais.

www.formalit.com.br


Os RISCOS OCUPACIONAIS são aqueles que surgem da organização, dos equipamentos, das máquinas, dos processos, das relações existentes no ambiente de trabalho e dos ambientes, podendo comprometer a segurança e a saúde dos trabalhadores. www.formalit.com.br


AGENTES FÍSICOS Os principais agentes classificados nesta categoria são o ruído, a temperatura e as radiações.

www.formalit.com.br


www.formalit.com.br


RUÍDO O ruído é um som indesejado, como o barulho de um som muito alto ou o roncar do motor de um trator. Na construção de edificações o ruído está muito presente nas máquinas como a furadeiras, esmerilhadeiras, pistola finca-pino, serras circulares, dentre outros. Este ruído pode prejudicar a sua saúde, ocasionando problemas como perda auditiva e o desequilíbrio do sono. Para ambientes com nível de ruídos de 85 dB, tolera-se a exposição máxima diária de 8 horas de trabalho. A depender do tempo e exposição, do nível do ruído e da sensibilidade de cada trabalhador exposto, os prejuízos podem ser maiores à saúde. www.formalit.com.br


TEMPERATURA A temperatura é a intensidade do calor que existe no ambiente. A exposição do trabalhador a umidade, calor e frio, elementos relacionados à temperatura, também ocasionam um risco ao trabalhador. Problemas respiratórios podem ser causados pela exposição à umidade, a um período de tempo prolongado, em locais encharcados ou alagados. O frio traz transtornos à saúde do trabalhador através de rachaduras na pele, doenças das vias respiratórias e até feridas na pele. E o calor afeta o desenvolvimento das atividades, provoca erros de raciocínio, desidratação, dentre outros. www.formalit.com.br


RADIAÇÕES NÃO IONIZANTES A radiação é uma forma de energia que se transmite pelo espaço, como ondas eletromagnéticas que podem causar lesões quando absorvidas pelo organismo. Não podemos ver, mas elas podem causar alterações na pele e até queimaduras. Na soldagem, por exemplo, pode haver risco de radiação ao trabalhador, através das ondas eletromagnéticas da luz. Estas ondas podem causar até queimaduras na pele.

As radiações solares sempre expõem o trabalhador que realiza atividades a céu aberto a riscos físicos. Se você realiza atividades nesse ambiente é melhor fazer uso de um protetor solar. Radiações ultravioletas causadas pela solda elétrica podem trazer problemas sérios aos olhos, principalmente em pessoas que utilizam lentes de contato. www.formalit.com.br


AGENTES QUÍMICOS

www.formalit.com.br


Os agentes químicos são substâncias que interagem com os tecidos existentes no corpo humano e provocam alterações na sua estrutura. Podem penetrar no organismo pelo contato com a pele, ingestão e inalação de poeiras, fumos, fumaça ou névoa, neblina, gases e vapores. Exemplos de Riscos Químicos:  Poeiras resultantes de trabalhos com cal, cimento, gesso, varrição e do corte de madeiras;  Fumaças resultantes das soldagens e cortes a quente;  Vapores orgânicos desprendidos das tintas e solventes;  Produtos corrosivos utilizados na limpeza. www.formalit.com.br


SUBSTÂNCIAS QUE CAUSEM IRRITAÇÕES Ácido clorídrico, ácido sulfúrico, amônia, soda cáustica e cloro, e as substâncias asfixiantes como: hidrogênio, nitrogênio, hélio, metano, acetileno, dióxido de carbono e monóxido de carbono. Elas podem irritar as suas vias aéreas, causar dores de cabeça, náuseas, convulsões e até matar. Os solventes clorados, aromáticos e cetônicos, que podem ser encontrados em algumas tintas e vernizes, são exemplos de substâncias irritantes e que afetam a respiração humana. Os agentes químicos podem penetrar no seu organismo das seguintes formas: cutânea (pele), digestiva (pela ingestão acidental ou não, de alimentos contaminados) e respiratória (penetram pelo nariz e boca, afetando garganta, pulmões e outros órgãos relacionados). Os órgãos mais atingidos pelos agentes químicos são: fígado, rins, sistema nervoso e circulação sanguínea. www.formalit.com.br


 Algumas substâncias químicas são cancerígenas, como o níquel, por exemplo. Beber leite também não evita intoxicações.

www.formalit.com.br


AGENTES BIOLÓGICOS

MICROORGANISMOS: São seres muito pequenos que não podem ser vistos a olho nu. Para enxergá-los, precisa-se da ajuda de um microscópio, que nada mais é do que um instrumento que aumenta a imagem de um objeto através de um sistema de lente.

www.formalit.com.br


Os agentes biológicos são microrganismos que, em contato com o homem, através da pele, via respiratória ou com a ingestão de alimentos contaminados, podem causar doenças e infecções de diversos tipos.

www.formalit.com.br


Os agentes biológicos mais comuns são: vírus, bactérias, fungos, bacilos, parasitas, dentre outros. As doenças mais comuns são a tuberculose, malária, leptospirose e febre amarela. Abertura de poços, serviços em tubulações de esgoto, recipientes sem tampa e entulhos e materiais desorganizados no canteiro favorecem os riscos biológicos. A higiene pessoal do trabalhador e as condições favoráveis para manter esta higiene no ambiente de trabalho podem reduzir os riscos biológicos provocados por animais que vivem em ambientes sujos, como o rato. www.formalit.com.br


RISCOS ERGONÔMICOS

Você já ouviu falar de riscos ergonômicos? Os riscos ergonômicos referem-se à adaptação das condições de trabalho às características psíquicas e fisiológicas do trabalhador, relacionadas ao seu ambiente de trabalho e a organização desse ambiente.

Você sabe o que é Ergonomia? www.formalit.com.br


É uma ciência que estuda as relações entre o homem e seu ambiente de trabalho.

www.formalit.com.br


Os fatores associados a organização podem estar relacionados ao processo desenvolvido no trabalho, ao ritmo da produção, às pausas e revezamentos nas atividades, a duração excessiva da jornada diária de trabalho e às instruções operacionais. Já os fatores ambientais envolvem: características espaciais e dinâmicas da tarefa; condições dos pisos; vias de circulação, ruído e poeiras, iluminação, dentre outros. O trabalhador da construção civil deve estar atento à existência de posturas inadequadas no trabalho, devendo-se evitar a permanência, por período prolongado, em www.formalit.com.br uma determinada posição.


Busque informações com o seu encarregado sobre este programa e saiba mais sobre as ações para diminuir os riscos em seu ambiente de trabalho.

www.formalit.com.br


Os riscos ergonômicos podem gerar vários distúrbios que comprometem a produtividade, saúde e segurança do trabalhador.

Exemplos: dores musculares, fraquezas, doenças nervosas, tensão, medo, ansiedade, gastrite, hipertensão arterial, úlcera, problemas de coluna, dentre outros. www.formalit.com.br

Procure saber, com os encarregados na obra, se suas atividades possuem riscos ergonômicos. Participe de treinamentos, quando forem oferecidos, e evite posturas inadequadas quando estiver trabalhando.


RISCOS DE ACIDENTES

Os RISCOS DE ACIDENTE são fatores que colocam em perigo o trabalhador e que afetam sua integridade física e moral podendo levar a morte ou não. São fatores de riscos: arranjo físico inadequado, máquinas e equipamentos sem proteção, ferramentas inadequadas ou sem proteção, eletricidade, incêndio ou explosão, animais peçonhentos, armazenamento inadequado. www.formalit.com.br


PROGRAMAS COMO QUALIDADE TOTAL E 5S contribuem para a diminuição dos acidentes, além de contribuir para que tanto a empresa quanto seus trabalhadores sejam partes atuantes de um processo de melhoria contínua, contribuindo para a imagem da empresa perante a sociedade e também a satisfação de seus funcionários. www.formalit.com.br


A PREVENÇÃO É A MELHOR SOLUÇÃO PARA SE EVITAR PROBLEMAS ergonômicos e a melhoria pode vir através de treinamentos, modernização de equipamentos e máquinas, redução nas horas de trabalho, alteração do ritmo das tarefas, utilização das ferramentas corretas e adequação da melhor postura para cada tarefa.

www.formalit.com.br


As medidas de prevenção mais eficazes atuam sempre nos três principais níveis que são:

 O controle na fonte de emissão (ruído, gás ou poeira)  O controle na trajetória dos materiais e energias e  O controle no corpo do trabalhador com a utilização do EPI.

A solução para estes problemas está na prevenção. www.formalit.com.br


 Busque melhores condições de higiene no local de seu trabalho;  Melhore o relacionamento com os seus colegas;  Converse com os encarregados sobre a modernização de máquinas e equipamentos;  Escolha as ferramentas adequadas para cada atividade;  Alterne o ritmo de suas tarefas;  Mantenha a postura adequada. www.formalit.com.br


Demonstração da relação entre os agentes ambientais de risco, as fontes causadoras, seus efeitos sobre a saúde e as possíveis medidas de controle. TIPO DE RISCO

Stress físico psíquico (ergonômico)

FONTE GERADORA

DANOS

e Movimentação de Dor lombar, materiais desconforto local (carregamento de descarregamento)

Levantamento e Movimentação de Dor lombar, transporte manual de materiais desconforto local peso (ergonômico) (carregamento de descarregamento) www.formalit.com.br

MEDIDAS PREVENTIVAS Utilização de EPI, adoção de proteção coletivas, revezamento, pausas, treinamentos e outros. Utilização de EPI, adoção de proteção coletivas, revezamento, pausas, treinamentos e outros.


TIPO DE RISCO

FONTE GERADORA

Postura Movimentação de Inadequada(ergonôm materiais ico) (carregamento de descarregamento)

Calor

Tanques com água aque- cida para cura das peças prémoldadas

MEDIDAS PREVENTIVAS Dor lombar, Utilização de EPI, desconforto local adoção de proteção coletivas, revezamento, pausas, treinamentos e outros. Dermatite, Utilização de EPI, câimbras por calor adoção de proteção e descon- forto coletiva, térmico revezamento, pausas, treinamentos e outros. Ingestão de líquidos durante a jornada de trabalho

www.formalit.com.br

DANOS


TIPO DE RISCO

FONTE GERADORA

DANOS

MEDIDAS PREVENTIVAS

Vibração

Rompedor Pneumático Formigamento e Má Redução do tempo de (quebra de piso) circulação Exposição e Uso de EPI’s

Poeiras Minerais

Mistura de massas, lixamento de peças, fabricação de peças pré-moldadas

Máquinas Equipamentos *(acidente)

Irritação das vias respiratórias, Alteração da função pulmonar

Utilização de EPI, (proteção respiratória, respiradores) adoção de proteção coletiva, sinalização de segurança (utilização de água e exaustores). e Processo de fabricação Lesões e escoriações, Treinamento, Sinalização das peças, materiais Fraturas, diversas de Segurança, Uso de EPI’s e EPC’s, Inspeção em Máq. e Equip. www.formalit.com.br


www.formalit.com.br


PROJETO DE INTEGRAÇÃO SEGURANÇA E SAÚDE NO TRABALHO

FERNANDO JOSÉ DA SILVA Engenheiro Civil Engenheiro De Segurança Do Trabalho www.formalit.com.br

(2) PROJETO DE INTEGRAÇÃO SEGURANÇA E SAÚDE NO TRABALHO  

PROJETO DE INTEGRAÇÃO SEGURANÇA E SAÚDE NO TRABALHO CONDIÇÕES AMBIENTAIS FERNANDO JOSÉ DA SILVA Engenheiro Civil Engenheiro De Segurança...

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you