Issuu on Google+

Arquivo/FS

PRESÍDIO Mutirão Carcerário encerra revisões de penas concedendo liberdade condicional a 22 detentos de Bagé

Corregedores avaliam benefícios alcançados por apenados com objetivo de agilizar aplicação da Justiça para mais de 2,7 mil processos do RS

Página 20

CRIME Com apenas 18 anos, Patrique Anteche da Silva confessou à polícia ter assassinado jovem laçador Acusado alegou ter agido em legítima defesa, o que leva a polícia a intensificar tomada de depoimentos sobre acontecimentos ocorridos na festa para crianças no bairro Tarumã, que resultou na morte de Rafael Garcia Rangel, 20 anos, e em quatro vítimas feridas Página 21

www.jornalfolhadosul.com.br

Gaúcho

FOLHA SUL m o r p r i e d t n

R$ 1,50

Cristiano Lameira

a

I

BAGÉ, QUINTA-FEIRA, 17 DE OUTUBRO DE 2013 - Ano 3 - N° 1056

CRIMINALIDADE Comerciantes do centro da cidade debatem onda de assalto e pedem garantias de segurança

Página 10

SAÚDE Sem coleta de sangue na cidade famílias e doadores precisam ser deslocados até Pelotas

Página 16

CATEDRAL Mesmo sem restauração prometida, Matriz de São Sebastião abre temporada de casamentos Página 17

A Avenida Miguel Arlindo Câmara, que dá acesso principal a Candiota, foi interrompida ontem pela segunda vez. Na primeira oportunidade, o grupo que organiza os eventos paralisou o tráfego na rodovia, em abril, reivindicando a federalização do trecho por causa dos constantes acidentes fatais atribuídos à falta de manutenção e de sinalização. Seis meses depois, os protestos recomeçaram porque, de acordo com os manifestantes, nenhuma providência foi adotada.

Página 8

SEM FRONTEIRAS Documentário sobre colonização da Trigolândia será destaque na Oktoberfest de Hulha Negra O TEMPO HOJE Bagé - RS Sol e aumento de nuvens de manhã. Pancadas de chuva à tarde e à noite.

14º

26º


2

QUINTA-FEIRA 17 de outubro de 2013

OPINIÃO

Editorial Glauber Pereira glauber.pereira@hotmail.com

Memória em movimento Se a passagem da equipe do longa-metragem dirigido por Jayme Monjardim foi suficiente para que um registro histórico em documentário de vídeo fosse gravado pelo curso de Comunicação da Urcamp, outras iniciativas que escolhem o audiovisual também merecem registro na região. Seja pelo empenho em trazer à tona fatos históricos ou, ainda, pelo privilégio de testemunhar acontecimentos que serão alvo de curiosidade futura, o registro documental é eficiente instrumento de promoção da memória pública regional, também em Aceguá e Hulha Negra. Grande prova de que o cotidiano é carregado de significados, é que a própria história do cinema mundial começa, em sua primeira vertente, como uma janela para a realidade. Pioneiros no processo técnico e prático de reproduzir imagens em movimento para meios físicos (1895), os franceses irmãos Lumière optaram por acompanhar o dia a dia de seu país, as saídas de fábricas, chegadas de trens e movimentos de ruas, fatos corriqueiros que, hoje, auxiliam pesquisadores a recompor com propriedade e arte grande parte daquele período histórico. Com a chegada da fantasia e das histórias de ficção, pelas mãos mágicas de Georges

Méliès (1861-1938), o cinema aposta nos sonhos e nas histórias fantásticas que garantem o caráter lúdico e não menos importante que a sétima arte conquistou entre os apreciadores. É apostando nos recursos do audiovisual que a Caravana da Moviola Filmes passou pela região em 2013 e lançou, ontem, em Pelotas, o resultado das coletas de depoimentos. Um dos documentários foi realizado em Aceguá, sob o título de “Uma terra só”. Outra iniciativa de destaque na região é produzida como atrativo para a Oktoberfest da colônia de Trigolândia, no município de Hulha Negra. Neste caso, o trabalho é desenvolvido pela própria comunidade. Com a ajuda das entrevistas da estudante de Jornalismo da Urcamp, Bruna Silva, os depoimentos com personagens da história do local serão editados juntos a imagens e fotografias antigas. Então, seja sob a produção de técnicos profissionais amparados em editais financiados, seja pelo empenho voluntário de cursos universitários ou, ainda, pelo esforço humilde e abnegado das comunidades, a verdade é que a grandeza do audiovisual conquista as populações a serviço da cultura.

Foto do Dia

Solidariedade

Giuliana Bruni / Especial FS

O Grupo de Apoio à Santa Casa, representado pelas anfitriãs Cármen Gonçalves, Kátia Saraiva e Norma Kopper, realizou um chá solidário ontem à tarde. Foram arrecadados leites e fraldas para doar à Fundação Geriátrica José e Auta Gomes, representada pela vice-presidente Maria Luíza Fraga e 2ª secretária Zazi Vargas.

Coluna do Afonso Hamm Dia Mundial da Alimentação e importância das Exposições Agropecuárias A data de 16 de outubro assinalou o Dia Mundial da Alimentação. Dentro destas comemorações, não poderia deixar de enfatizar a importância que o setor agropecuário tem com o país no sentido de produzir mais alimentos e no que se refere à questão da segurança alimentar. Ao mencionar sobre o setor da alimentação, ressalto que o Rio Grande do Sul é palco, em especial, no mês de outubro, das Exposições Agropecuárias, em alguns lugares conhecidas como Expofeiras, que movimentam as economias regionais, gerando os mais diversos negócios, não só por ocasião de sua realização, mas também nos meses e anos seguintes. Um exemplo é a feira agropecuária mais antiga do país Expofeira, promovida pela Associação e Sindicato Rural de Bagé, cuja centésima primeira edição encerrou no último domingo. Mais uma vez, prestigiei esta grande festa agrícola e pecuária dotada de uma extensa programação de julgamentos, remates e exposições de animais das seguintes raças: Hereford, Bradford, Angus, Brangus, Holandês e Jersey, cavalos Crioulos, pôneis, aves e ovinos. São animais de excelente qualidade genética, com garantia sanitária e aptidões. A feira também é dotada de outros atrativos culturais e de lazer. Novos maquinários, implementos agrícolas, técnicas de cultivo e criação foram apresentados e disseminados. Os produtores foram contemplados com linhas de crédito que estimularam o homem do campo a seguir investindo na modernização de seus empreendimentos. Quem ganha com isso não é apenas Bagé, mas também todo Estado e país que, nos últimos anos, voltou a ter nos produtos primários a principal força de sua balança comercial. Multidões são atraídas para Bagé, assim como para outras exposições, como nas cidades de Dom Pedrito, Pelotas, Rosário do Sul, Caçapava do Sul, Quaraí, Santana do Livramento, Uruguaiana, Alegrete, São Gabriel e Lavras do Sul, assim como em outros municípios. Essas expofeiras servem não apenas para mostrar o sucesso e a potencialidade da agropecuária. Negócios são realizados, produtores integram-se entre si e também com os consumidores. Mas o que está realmente em exposição e intercâmbio é a informação, que valoriza o produto agropecuário e os trabalhadores do campo. A verdadeira força de nossa agricultura é o conhecimento, seja o conhecimento tradicional dos agricultores, seja a tecnologia disseminada pelos profissionais da área e Embrapa. Por outro lado, a competência do agronegócio brasileiro é atrapalhada pelas falhas de nossa infraestrutura: faltam estradas e ferrovias boas, faltam portos mais eficientes, mas sobram impostos e burocracia. Para fazermos jus à competitividade de nossos produtores rurais, precisamos de políticas públicas estáveis, confiáveis, que não mudem no médio prazo. Na Câmara dos Deputados, tenho centrado meus esforços no sentido de trabalhar na priorização de projetos de interesse do setor agropecuário, pois é graças a esse segmento que a economia brasileira tem se mantido relativamente estável.

facebook.com/JornalFolhaDoSul

Direção

CNPJ. 11.381.681/0001-00 Endereço: Rua Bento Gonçalves, 49-E/ Fones: Assinaturas: (53) 3242-1020 Redação: (53) 3311-3915 jornalismo.folhadosul@gmail.com anunciosfs@gmail.com www.jornalfolhadosul.com.br Impressão Correio do Povo

Administrativa: Jônio Tavares Ferreira de Salles Neto Comercial: Leisa Soria Marketing e eventos: Fabiano Marimon Circulação: Aceguá, Bagé, Candiota, Dom Pedrito, Hulha Negra, Lavras do Sul e Pinheiro Machado

- Niela Bittencourt - Rochele Barbosa - Stela Vasconcellos - Marcelle Ceolin Repórter Fotográfico: Cristiano Lameira Colunistas Colaboradores: Afonso Hamm - Dom Gílio Felício -Edgar Muza - Josias Borges - Léo Vieira - Luiz Fernando Mainardi Luís Augusto Lara - Sérgio Meth - Waldir Alves Ramos - Eurico Salis - Fernando Velloso

REDAÇÃO - Editor Geral: Glauber Pereira Subeditor Geral: Felipe Valduga Chefe de Redação: Marcelo Pimenta Coordenadora Comercial: Vanessa Gon;alves Gerente de Circulação: Daniel Guasque Comercial: Fabiana Rodrigues Estagiária: Giuliana Bruni Diagramação comercial: Diego Almeida Revisão: Taísa Soares Reportagem: Emanuel Müller - Fernanda Mendonça - Diagramação: Cristiano Lameira e Vinícius Silva Gilmar de Quadros - José Higino Gonçalves - Juliana Andina - Marcos Pintos


Indicadores econômicos INDICADORES Salário Mínimo Salário Regional TJLP SELIC IGP-M

VALAR ATUALIZAÇÃO R$ 678,00 2013 R$ 770,00 2013 5% a.a. 9% julho 2013 + 0,26% julho2013

EMPRESARIAL

MOEDAS COMPRA Dólar Comercial 2,177 Dólar turismo (em R$) 2,180 Euro (em R$) 2,951 Pesos Ur.(em R$) 0,1017 Pesos arg.(em R$) 0,375

VENDA 2,178 2,287 2,951 0,1005 0,373

The Mug inaugura na Marechal Floriano Um autêntico pub inglês, The Mug Beer and Food encantou a imprensa e convidados na noite desta terça-feira. A casa restaurada e decorada em verde e vermelho oferece ambientes aconchegantes para servir cervejas, chopps, espumantes, vinhos e outras bebidas, harmonizados com saborosos lanches e diferenciados petiscos. A ideia dos empreendedores César Augusto Mello e Luiza Fernanda Mello é oferecer um serviço de qualidade no happy hour, de terça-feira a sábado, das 18h às 24h. “A decoração foi inspirada em pubs europeus. O foco são as cervejas artesanais nacionais e importadas, que harmonizam com os pratos elaborados a partir de uma vasta pesquisa realizada em pubs de Londres, Dublin, Bélgica e Amsterdam, de onde também trouxemos quadros e objetos para compor a decoração”, explica Luiza.

Fotos: Stela Vasconcellos

Luiza e Mello pesquisaram em pubs europeus para montar negócio

O casal caprichou na estrutura de um ambiente despojado, dedicado a clientes que desejam beber e conversar ao final do dia, podendo jantar se desejar. No coquetel de inauguração, Mello e Luiza apresentaram uma prévia do menu em mini

degustações harmonizadas com os rótulos de cervejas Strong Golden Ale, Weizenbier e Pale Ale, da Eisenbahn, e vinho Tannat e espumante Rosé Brut, da Guatambu. Parceiro de The Mug, o empresário Valter Pötter e a esposa Nara.

1º Multifaces será dia 12 de novembro

Adriana, Kátia, Luíse e Ana Lúcia são organizadoras do evento

O lançamento do 1º Multifaces reuniu empresários e imprensa na noite desta terça-feira, na Tterrasul. A presidente do Conselho Bageense da Mulher Empreendedora (Cobame),

Kátia Vinciprova, explicou que a feira será voltada para os negócios e capacitação, com espaço para exposição. Previsto para 12 de novembro, no Centro Cultural Dom Diogo de Souza,

o evento vai discutir diversos temas de forma criativa e leve, conforme enfatizam a diretora Ana Lúcia Dalé Souza e a vice-presidente Adriana Siemionko. A diretora Luíse Dalé detalhou que o evento terá palestras com os temas: “Corpo, mente e espírito”, “Finanças pessoais”, “A mulher no mercado de trabalho, sob a ótica masculina” e “Fases da Mulher Moderna”. Serão palestrantes: Ana Paula Portela (Fisioterapia), Priscila Lane Azambuja (Estética), Carmela Moraes (Moda), Gabriela Morais e Andréa de Agosto (Psicologia), Mara Lia Otto (Gestão Financeira) e Flávio Peralta (Administração e Planejamento). Também estão previstas oficinas de “Automaquiagem”, “Moda executiva” e “Qualidade de vida na Melhor Idade”. A realização do Cobame conta com o apoio da Tterrasul. A empresas interessadas podem comprar cotas de participação.

QUINTA-FEIRA 17 de outubro de 2013

3

CONTEMPORÂNEO por Marcelle Ceolin

Look do dia: Kiara

News

Vestido mullet Produzida + bolsa + pulseira + brinco O mullet - essa padronagem mais curta na frente e comprida atrás, usada em saias, blusas e vestidos - chegou tímida em 2012, demorou um pouco para “pegar”, assim como a maioria das tendências mais ousadas, mas caiu no gosto das fashionistas e promete continuar com tudo nesta temporada. Para os dias quentes, os tecidos fluidos, leves e soltinhos são a pedida! A loja está liquidando as bolsas, que saem por R$ 59,90, R$ 89,90 e R$ 110, podendo ser parceladas em até três vezes nos cartões Visa, Master, Hiper e Sicredi. A Kiara trabalha com jeans, roupas para ginástica, jaquetas de couro ecológico, malha e também uma linha de acessórios: maxi colares, brincos, pulseiras, cintos e carteiras. É possível encontrar vestidos de malha por R$ 75. O espaço conta, ainda, com opções de presentes, como necessaires. A loja está na General Osório, 807. A Closet já está com a coleção verão da Spirito Santo e Reserva. A Reserva traz cores intensas e estampas modernas. Por ser uma marca de moda casual, sua coleção gira em torno de peças-chave para o guarda-roupa masculino: camisas, polos, t-shirts, calças e bermudas. E a Spirito Santo, sempre pensando no homem mais maduro, lança peças mais sóbrias e clássicas. A Closet fica na Osório, 741. Contato pela fan page Loja Closet ou pelo telefone 3312-1991. Conheça! As empresárias Laís e Taís Navarro convidam os clientes e amigos para o Aniversário de Um Ano da Boutique Sela e Salto, com coquetel na San Carlo, a partir das 20h30min de sexta-feira (18). É só passar na loja e garantir o convite, que é gratuito e individual. O coquetel é assinado por Josi Cantarelli. Os convidados serão surpreendidos com uma vitrine viva, masculina e feminina, mostrando alguns looks lançados exclusivamente para o aniversário da loja. Os patrocinadores são: Óptica Conquistadora, Kids & Co., Cabanha São Matheus, Pilates & Fisioterapia e Elisa Quintanilha. O apoio é da B3 Propaganda, MegaPrint, Estética Fêmina (cabelo e maquiagem das modelos e equipe) e Jornal FOLHA do SUL. A boutique, patrocinadores e apoiadores darão cartões-descontos, brindes e mimos para os clientes e amigos. Após o coquetel, segue a Festa 20 VIP MP. Garanta o seu convite!


4

RURAL

QUINTA-FEIRA 17 de outubro de 2013

Mercado agrícola PRODUTOS

Acompanhamento de preços recebidos pelos produtores do Rio Grande do Sul UNIDADE MÍNIMO MÉDIO Valores em reais

Arroz em Casca Feijão Milho Soja Sorgo Granífero Trigo Boi para Abate Cordeiro para Abate Suíno Tipo Carne Vaca para Abate Leite (valor líq. recebido)

50 Kg 60 Kg 60 Kg 60 Kg 60 Kg 60 Kg Kg vivo Kg vivo Kg vivo Kg vivo Litro

32,50 105,00 21,00 62,50 17,60 37,00 3,10 3,85 2,20 2,70 0,77

MÁXIMO

33,55 134,33 22,96 64,53 19,63 39,18 3,23 4,04 2,68 2,87 0,90

7.9.2013 a 11.10.2013

35,00 180,00 26,50 67,00 21,30 40,00 3,30 4,30 2,90 3,00 1,03

Fonte: EMATER/RS-ASCAR

101ª Expofeira

Cabanha da Maya conquista grande campeonato na raça Jersey A Cabanha da Maya não foi destaque apenas no Concurso Leiteiro da raça Jersey, na 101ª Exposição-Feira de Bagé, com o título de recordista nacional em produção de leite na categoria até 36 meses, ela levou, também, o grande campeonato com a vaca Quincy Fusion Nancy dos Confins e com o touro Janato 1101 Jade da Maya. O julgamento de classificação da raça, que contou com 67 animais, terminou no último dia 12 e, devido à chuva, foi realizado no Galpão de Gado Leiteiro do Parque de Exposições Visconde de Ribeiro Magalhães. O jurado foi o engenheiro agrônomo Geraldo Brossard Corrêa de Mello. Concurso de Sólidos A novidade deste ano na exposição de primavera da raça, em Bagé, foi o Concurso de Sólidos. Todos os animais que participaram do Concurso Leiteiro tiveram

Fotos: Graciela Freitas / Especial FS

Box 58 Conquistadora 129 Zago Lester Rosa apresentou melhor úbere da exposição

uma amostra do seu leite coletada e enviada para laboratório, onde fora feita uma análise minuciosa da qualidade do material, principalmente quanto à concentração

de gordura, proteína e lactose, determinando os sólidos totais. O resultado, segundo o médico veterinário Rodrigo Azambuja, foi excelente. “Altos percentuais de sólidos

Box 53 Quincy Fusion Nancy dos Confins foi grande campeã

totais foram encontrados no leite de todos os animais analisados, destacando, mais uma vez, a qualidade superior do leite de vacas da raça Jersey.”, comenta. A

iniciativa foi realizada em parceria com o laboratório de Qualidade do Leite da Embrapa Clima Temperado, de Pelotas, onde foram realizadas as análises.

Confira os resultados do julgamento de classificação Grande Campeã Box 53 Quincy Fusion Nancy dos Confins - Criador José Salvador Silva - Expositor Cabanha da Maya P.A.P, de Zuleika Borges Torrealba, Bagé/RS Reservada Grande Campeã, Campeã Vaca Jovem e Melhor Úbere Jovem Box 48 Violet Valentin Nogueira Montanhes – Criador e Expositor Cabanha da Maya P.A.P, de Zuleika Borges Torrealba, Bagé/RS

Terceira Melhor Fêmea Box 50 Frutoze 532 Sultan da Maya – Criador e Expositor Cabanha da Maya P.A.P, de Zuleika Borges Torrealba, Bagé/RS Campeã Júnior Box 14 Jacara 1112 Reward da Maya - Criador e Expositor Cabanha da Maya P.A.P, de Zuleika Borges Torrealba, Bagé/RS Melhor Úbere da Exposição Box 58 Conquistadora 129 Zago Lester Rosa – Criador João Jardim

de Quadros – Expositor Cabanha Fumaça, de Rodrigo Capiotti Obino, Bagé/RS Grande Campeão Box 02 Janato 1101 Jade da Maya – Criador e Expositor Cabanha da Maya P.A.P, de Zuleika Borges Torrealba, Bagé/RS Reservado Grande Campeão Box 01 Gema Heroi Bagagem Minister – TE – Criador Gerzy Ernesto/ Angela Maraschin – Expositor Cinco Salsos P.A.P, Aceguá/RS

Acima de 36 meses

1º lugar – Box 0035, Ivana 966 Action da Maya – Produção 46.385 Kg –Sólidos Totais 12,62% / Produção de Sólidos em Kg 5,85 Cabanha da Maya P.A.P, de Zuleika Borges Torrealba, Bagé 2º lugar – Box 0039, Goiania Elegantes do Cinco Salsos 869 – Produção 32.374 Kg – Sólidos Totais 14,51% / Produção de Sólidos em Kg 4,70 - Cinco Salsos P.A.P, de Claudio Nery Martins, Aceguá 3º lugar – Box 0037, Iraci 969 Action da Maya – Produção 28.740 Kg – Sólidos Totais 14,14% / Produção de Sólidos em Kg 3,90 Cabanha da Maya P.A.P, de Zuleika Borges Torrealba, Bagé 4º lugar – Box 0034, Gemada Valentin do Cinco Salsos - Produção 27.595 Kg –Sólidos Totais 13,31% / Produção de Sólidos em Kg 3,83 - Cinco Salsos P.A.P, de Claudio Nery Martins, Aceguá 5º lugar – Box 0043, Castelo 272 Genovia Mecca – Produção 24.695 Kg –Sólidos Totais 14,59% / Produção de Sólidos em Kg 3,60 Granja Castelo, de Gerda Ebert Enns, Hulha Negra

1º lugar – Box 51, Luana 88 Geronomo Fumaça – Produção 40.275 Kg –Sólidos Totais 13,82% / Produção de Sólidos em Kg 5,57 - Cabanha Fumaça, de Rodrigo Capiotti Obino, Bagé 2º lugar – Box 58, Conquistadora 129 Zago Lester Rosa – Produção 38.990 Kg – Sólidos Totais 13,13% / Produção de Sólidos em Kg 5,12 - Cabanha Fumaça, Rodrigo Capiotti Obino, Bagé 3º lugar – Box 0047, Fanta Elegante do Cinco Salsos 811 – Produção 30.010 Kg – Sólidos Totais 13,71% / Produção de Sólidos em Kg 4,20 - Cinco Salsos P.A.P, de Claudio Nery Martins, Aceguá 4º lugar – Box 0052, Batista Red Dog do Cinco Salsos 650 – Produção 30.620 Kg – Sólidos Totais 12,92% / Produção de Sólidos em Kg 3,88 - Cinco Salsos P.A.P, de Claudio Nery Martins, Aceguá

O

R D E P OD U

RE TO S

NÚC LE

Resultados do Concurso de Sólidos até 36 meses

BAGÉ-RS

29ª Feira de Terneiros de Bagé 16h na Rural de Bagé

mbro

ve o n e 07 d

Um bom negócio, no presente e no futuro Informações: 53-3242.7797 - www.terneirosbage.com.br

Rematam: Agropec

3242.5094 9974.2714

At-Remates 3241.3306 9977.4947

Patrocínio:


Santa Maria realiza 39º Leilão em São Gabriel A Cabanha Santa Maria, de propriedade de Benedito Franco, promove leilão em São Gabriel, no próximo sábado, a partir das 19h, no Parque de Exposições Assis Brasil. No evento, serão leiloados 30 touros e fêmeas por origem, Devon e Angus, 200 ventres e alguns exemplares de

cavalos Crioulos. Como convidada, a fazenda Passo Fundo também terá alguns exemplares para leilão. “Nós iremos abrir o leilão com a venda de embriões dos melhores exemplares da raça Devon, como a Benedictus Zuleika, grande campeã da Expointer 2011 e

RURAL

eleita o melhor exemplar da Feicorte deste ano”, afirma Franco. “A expectativa é de um grande leilão e com ótimos resultados, como tradicionalmente a Cabanha Santa Maria alcança nos remates da primavera”, completa. A comercialização ficará a cargo da empresa Guarany Remates.

Remate em Livramento teve médias para touros Braford em R$ 11,28 mil

Bela Vista alcança R$ 823 mil em vendas A 49ª edição do leilão da Estância Bela Vista ocorreu na noite desta terça-feira, em Santana do Livramento, e chegou a um faturamento de R$ 823,65 mil na venda de 112 animais. A média geral do evento fechou em R$ 7,35 mil. Os machos tiveram média de R$ 9,83 mil enquanto as fêmeas atingiram médias de R$ 2,89 mil.

O diretor da Trajano Silva Remates, Marcelo Silva, responsável pela condução do leilão, comemorou o resultado, principalmente as médias obtidas no evento. “Foi um resultado extraordinário. Principalmente a média dos touros Braford, que foi uma das melhores da temporada”, avalia. Os touros Braford 3 anos

tiveram média de R$ 18,91 mil na venda de 14 exemplares, enquanto a média geral da raça entre os machos foi de R$ 11,28 mil. Já os machos Hereford tiveram média total de R$ 7,57 mil. O lote mais valorizado foi touro Braford Tatuagem 2158, vendido por R$ 66 mil. Esse animai irá para a central de inseminação CRI Genética.

QUINTA-FEIRA 17 de outubro de 2013

5

Demarcação de terras indígenas e quilombolas é discutida em reunião em Brasília O presidente da Comissão Fundiária da Farsul, Paulo Ricardo de Souza Dias, participou, em Brasília, no dia 14 de outubro, da primeira reunião da Confederação Nacional de Municípios (CNM) que tratou das demarcações de terras indígenas e quilombolas no Brasil. A CNM está buscando junto aos prefeitos dos municípios atingidos pelas desapropriações informações para elaborar um raio-x nacional sobre a questão. De acordo com Dias, existe uma grande preocupação dos prefeitos dessas localidades, principalmente com a repercussão econômica e social que os projetos de demarcações estão criando e que vão interferir diretamente na municipalidade. “Houve manifestação de vários prefeitos, que vão acabar arcando com essa responsabilidade.

Uma perda muito grande de tributos com a saída de produtores dessas regiões”, complementa Dias. O dirigente disse que a participação da Farsul na reunião foi para fazer um relato da atual situação no Rio Grande do Sul e expor a principal preocupação dos produtores gaúchos: a insegurança jurídica. Além da Farsul, estavam presentes entidades dos estados da Bahia, do Mato Grasso, do Mato Grosso do Sul, de Minas Gerais, de Santa Catarina e do Pará, a senadora e presidente da Subcomissão de Assuntos Municipais, Ana Amélia Lemos (PP-RS), e o deputado Darcísio Perondi (PMDB-RS). Representantes de agricultores e de comunidade indígena também participaram da reunião dirigida pelo presidente da CNM, Paulo Ziulkoski.


6

QUINTA-FEIRA 17 de outubro de 2013

POLÍTICA Emanuel Müller

Surpresa fica por conta da desistência de Candinho Leal

Duas chapas concorrem à eleição do PMDB

Arquivo FS

Duas chapas, com 45 nomes cada, irão concorrer ao Diretório Municipal do PMDB em Bagé. A eleição está marcada para o dia 19, das 9h às 17h, na sede do partido, na rua Bento Gonçalves, 226 direita. As chapas “O PMDB que Queremos” e “Avançar é Preciso” foram homologadas pela Comissão Eleitoral. Eventuais trocas de nomes podem ser feitas até hoje. A expectativa pela efetivação de uma chapa consensual acabou não ocorrendo. Apesar disso, a divisão de chapas não significa, necessaria-

mente, a separação entre militantes favoráveis e contrários à participação do PMDB na administração municipal. O atual secretário de Coordenação e Planejamento, Gustavo Morais, está na chapa “O PMDB que Queremos”. Já Alencar Dal Molin e Amaro Robaina, titulares das pastas de Desenvolvimento Econômico/ Turismo e Meio Ambiente, respectivamente, integram a chapa “Avançar é Preciso” - assim como José Carlos Nobre, o Zequinha, todos apontados como candidatos à presidência do partido.

Candinho Leal enviou nota explicando retirada da candidatura

Os ex-presidentes do partido têm assento garantido no Diretório, não interessando a chapa que estão são eles Fernandinho Teixeira, Luis Gustavo Morais, Orlando Carlos Brasil e Rivaldo Barroso. Da mesma forma, o líder da bancada na Câmara,

Uilson Morais. A chapa vencedora leva o número proporcional aos votos. Ou seja: a princípio serão 40 vagas em disputa. De acordo com o presidente do partido e da Comissão Eleitoral, Orlando Carlos Brasil, a chapa vencedora escolhe os integrantes da Execu-

tiva (incluindo o presidente) e o único que tem lugar garantido é o líder da bancada. Assim, são mais oito nomes para compor a Executiva. “Depois de eleita a Comissão Executiva, elege-se o Conselho Fiscal, apontando titulares e suplentes”, explica Brasil.

Um dos nomes cotados para concorrer à presidência do PMDB desistiu da candidatura. José Cândido Leal (Candinho) enviou uma nota à imprensa explicando os motivos. Leal participava da chapa “Avançar é Preciso” e afirmou à FOLHA do SUL

que seria candidato “até o fim”. O peemedebista, entretanto, não concordou com a atitude de alguns companheiros de chapa (os quais não cita o nome) que tentam impugnar a outra chapa. Leal diz que a atitude desmoraliza a democracia interna do partido. “Desta

forma, retiro o meu nome da chapa 2, porém vamos conservar os princípios morais e éticos que os homens públicos devem ter. Espero que o novo presidente eleito tenha o mesmo pensamento de um partido ético e democrático”, ressalta Leal.

CPI não tem sessão hoje

Arquivo FS

O processo eleitoral

Desistência

A reunião da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) que investiga as obras da Barragem da Arvorezinha, prevista para hoje, não irá ocorrer. De acordo com o presidente da comissão, vereador Antenor Teixeira (PP), os vereadores Cláudia Souza (PR), Caio Ferreira (PT) e Esquerda Carneiro (PTB) estarão cumprindo agendas em outros municípios, o que inviabiliza a realização do encontro por falta de quórum. Teixeira relatou ao colunista, recentemente, que a CPI ouviu três engenheiros da Prefeitura que acompanha-

vam as medições da empresa Engeplus (responsável pela fiscalização das obras na barragem). O presidente, entretanto, não revela o conteúdo do depoimento, alegando que os procedimentos são sigilosos. Da mesma forma, a Comissão insiste e quer ouvir o engenheiro do DAEB, Éber Mansur - que apresentou à comissão documento no qual não pode se manifestar publicamente sobre o fato. “Não vemos nada que impeça o depoimento do engenheiro à CPI de maneira sigilosa, apenas para prestar esclarecimentos”, relata Teixeira.

emamuller@gmail.com

Expectativa pela votação da “Lei da Kiss” em Brasília vai acarretar responsabilidade maior aos municípios

“Vou lutar até que essa matéria seja votada. O objetivo das novas medidas de prevenção e combate a incêndios é promover a proteção à vida”, disse o parlamentar.

Pimenta explica que as novas regras deverão ser observadas pelos estabelecimentos com capacidade igual ou superior a 100 pessoas. Entretanto, locais com ocupação inferior, mas que sejam ocupados, predominantemente, por idosos, crianças ou pessoas com dificuldade de locomoção, e que contenham em seu interior grande quantidade de material de alta inflamabilidade, entre outros, também estão obrigados às determinações da nova legislação. Além disso, a lei estende-se a imóveis públicos ou ocupados pelo Poder Público. Entre os pontos incluídos, estão a exigência do laudo emitido pelo Corpo de Bombeiros para que o Poder Público municipal forneça o alvará de licença; e a observância às

normas técnicas registradas expedidas pela Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT) ou por outra entidade credenciada pelo Conselho Nacional de Metrologia, Normalização e Qualidade (Conmetro). O projeto também determina a contratação de seguro de acidentes pessoais, pelos proprietários dos estabelecimentos, tendo como beneficiários os seus clientes, e estabelece que os cursos de graduação em Engenharia e Arquitetura incluam conteúdo relativo à prevenção e combate a incêndios e desastres em suas disciplinas.O Poder Público municipal e o Corpo de Bombeiros deverão manter disponíveis na internet as informações referentes aos alvarás de licença ou autorização dos estabelecimentos.

Legislações municipais e estaduais deverão definir prazos máximos para trâmite administrativo voltado à emissão de alvará de licença. Prefeitos, secretários municipais e oficiais do Corpo de Bombeiros que não observarem os prazos de tramitação incorrerão em crime de improbidade administrativa, como

forma de assegurar que eles tomem as medidas necessárias para o cumprimento da lei. Por fim, incidirão em crime, sujeito à pena de detenção de seis meses a dois anos e multa, aqueles que descumprirem as determinações do Corpo de Bombeiros ou do Poder Público municipal quanto à prevenção e combate a incêndios.

Mudanças na legislação

Sanções

Teixeira explica que não haverá quórum para encontro semanal da Comissão

Agência Câmara - Especial/FS

Mesmo com o acordo para votação do Projeto de Lei 2020/2007, conhecido como “Lei da Kiss”, que estabelece medidas de prevenção e combate a incêndios e a desastres em estabelecimentos, edificações e áreas de reunião de público, a matéria não foi apreciada na Câmara Federal no último dia 15. O motivo foi a discussão sobre o projeto da minirreforma eleitoral, que se estendeu até o fim da sessão. Havia possibilidade de o projeto ter sido votado ontem - algo que não ocorrera até o fechamento desta edição. O deputado federal Paulo Pimenta (PT-RS), que coordenou os trabalhos legislativos na Comissão da Tragédia da boate Kiss, solicitou uma inversão de pauta, mas parte do plenário preferiu manter a discussão sobre a minirreforma eleitoral. Pimenta afirma que vai prosseguir cobrando do plenário a votação do projeto.

Argumentos de Pimenta não convenceram deputados e votação foi adiada


POLÍTICA

O descontentamento sublime nos compromissos de campanha de Caio Ferreira

s a o o o e s , s s o e r a s s

Arquivo FS

Candidato afirma: petistas não podem esquecer essência do projeto de governo

Não deixa de ser surpreendente alguns registros do vereador Caio Ferreira em suas propostas dentro da tendência interna PT de Luta e Massas na candidatura à presidência do diretório municipal do partido. Vale ressaltar alguns itens que deixam subentendidos descontentamentos dentro do partido com algumas decisões da administração municipal. Ninguém vai claramente abordar o assunto, mas o contexto torna público e notório fatores discutidos internamente. Alguns pontos não necessariamente são os pontos de vista de Caio, mas do grupo de petistas que o apoia. Entre os compromissos de Caio está encaminhar proposta ao diretório para que 20% de toda a arrecadação seja utilizada para confeccionar materiais para os candidatos que não possuem mandato ou cargos de secretário de governo. Outra iniciativa é a criação de um comitê permanente

para analisar e fundamentar a composição de governo, elaborar conceitos e submeter a apreciação do Diretório. Outra ideia curiosa é estar presente nos meios de comunicação fazendo a defesa do partido, pelo menos, quatro vezes ao mês. Em manifesto enviado aos meios de comunicação, Caio afirma que não faz críticas à atual gestão, pois participou da mesma. O candidato defende a discussão interna para fortalecer a base partidária. Entretanto, deixa uma questão nas entrelinhas. “A governabilidade é necessária, mas também não devemos nunca esquecer a essência do projeto. Temos de preservar sempre a independência dos poderes Legislativo e Executivo. A gestão pública não deve ser usada em benefício pessoal e, sim, pela coletividade. Nunca esquecer que é através do partido que alcançamos a sociedade”, reitera Caio.

Audiência pública em Brasília debate isenção de PIS e Cofins para erva-mate A falta de política pública para a cadeia produtiva da ervamate e a proposta de isenção do PIS/Cofins para o setor foi tema de audiência pública na terça-feira, na Câmara dos Deputados. A reunião também teve como propósito debater as iniciativas para diminuir o aumento em 100% no preço da matéria-prima do chimarrão e para evitar a escassez do produto nas gôndolas dos supermercados. O deputado federal Afonso Hamm (PP-RS) participou do evento da Comissão da Agricultura, proposto pelos deputados Alceu Moreira (PMDB-RS) e Bernardo Vasconcellos (PR do Paraná). Ontem, houve a entrega de um documento reivindicando a redução do ônus tributário do PIS/Cofins da cadeia da

erva-mate ao ministro da Fazenda, Guido Mantega. Hamm destaca a importância deste debate, uma vez que a erva mate é o símbolo da tradição, da cultura e hospitalidade e é um setor de grande relevância para os estados do Sul do país, que precisa de mais garantias de produção para que o preço final ao consumidor não fique salgado. “É uma atividade de exploração sustentável, que além de gerar milhares de empregos e renda, preserva o meio ambiente e envolve, em especial, os pequenos agricultores. Além disso, é matéria-prima também utilizada para a indústria farmacêutica e de cosméticos”, ressalta o deputado. Nos estados produtores, Paraná, Rio Grande do Sul, Santa

Catarina e Mato Grosso do Sul, mais de 30 mil famílias trabalham nesta cultura. O Brasil tem uma área produtiva de 71.334 hectares e a quantidade produzida de 443.635 toneladas. No encerramento da audiência, algumas propostas foram apresentadas, além da isenção do PIS e Cofins, como tornar a ervamate tributariamente produto da cesta básica, política nacional para o setor, criação da Câmara Setorial e do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Erva-Mate, política de crédito agrícola e de garantia ao produtor, criação do Centro Tecnológico da Erva-Mate, mecanismo de autofiscalização, aumento de plantio com variedades adequadas e desoneração tributária federal.

QUINTA-FEIRA 17 de outubro de 2013

7

Edgar Abip Muza Muza Visão Geral

O que parece não ser acaba “sendo” Os leitores da coluna sabem de “cor e salteado” minha opinião. Está escrita. Não há meio termo. É semelhante à história daquela senhora que chegou no médico e ele perguntou o que ela estava sentido. “Doutor, eu acho que estou meio grávida”. Ele disse: “não pode ser, ou está ou não está”. Tenho afirmado com uma convicção forte, por experiência em fatos semelhantes no passado, que a maioria das greves tem sempre alguém por traz insuflando. A intensidade de cada uma delas depende do período. Em véspera de eleição é mais forte. Geralmente em cidades e/ou estados onde os governantes não pertencem a mesma sigla partidária dos grevistas. Quer um exemplo aqui mesmo de nosso Estado? O motivo que levou o Cpergs a “invadir” a residência da governadora Yeda, ou seja, o piso nacional de salário, é o mesmo que continua acontecendo agora. Examinem e pesem a greve anterior e as atuais, que, diga-se de passagem, não deu para perceber. E isso é uma constatação. Eu prefiro e aplaudo o modelo atual. Greve ordeira e reivindicatória e não política. Assim me manifestei quando o movimento para diminuir as tarifas do transporte urbano em São Paulo dava mostras que tinha outro objetivo e não só a tarifa. Imediatamente começou a bagunça. Depredações de órgãos públicos e privados. Com cara tapada. De máscaras. A polícia começou a combater a baderna, que é sua função, com gás, balas de borracha e tudo o que tivesse a seu alcance. Imediatamente, os “ditos” defensores dos direitos humanos, entraram em ação. Não para defender o patrimônio público, mas para combater a “violência” da polícia contra os manifestantes mascarados. Houve um arrefecimento no combate a depredações. Quem se esconde atrás de máscara é bandido. Depois isso foi resolvido, a polícia está combatendo os bandidos. Ontem, foram presos, no Rio e São Paulo, quase 200 “mascarados depredadores”. Até aí é uma constatação já repetida diversas vezes. Pois, ontem, ficou confirmado que os baderneiros são os que depredam, mas estão também ligados ao movimento dito ordeiro. Saiu uma matéria na Folha que vale a pena “colar”. E aí os leitores tiram suas conclusões. “De mascarados sem máscara e mascarados de cara limpa” Existe parceria entre o comando dos grevistas e os black blocs. Na verdade, quando os primeiros anunciam o fim da “manifestação”, o que fazem, na prática, é fornecer uma senha para que os outros entrem em ação. É como se fosse um “Agora pode!”. Dá-se, então, a autorização para o vale-tudo. A Justiça, infelizmente, está a dizer que é mesmo assim, que esses são métodos válidos da luta. “Ah, nenhum juiz entrou nesse mérito… Bem, nem seria necessário, não é mesmo? Em vez de serem grupos distintos, black blocs e grevistas formam uma unidade, cada um atuando em estágios diferentes da baderna. Os sindicalistas, sem máscaras, a mascaram de manifestação pacífica. E os black blocs, mascarados, revelam a sua real natureza. O jornalismo tem de decidir se endossa a versão dos sem - máscaras “mascarados”, que mentem, ou a dos mascarados “sem máscara”, que dizem, a sua maneira, a verdade. Quem convoca os protestos sabe muito bem com quem pode e vai contar. “Ah, então, agora, todo mundo que convocar manifestação de rua estará endossando a ação dos black blocs?”. Se estes não forem hostilizados e contidos, a resposta é “sim”. Ora, quem não quer se misturar com bandido pede a colaboração da própria polícia. Ocorre que tanto no Rio como em São Paulo os que convocaram os protestos contam com os truculentos para enfrentar os policiais e, assim, consolidar a imagem de uma Polícia Militar truculenta. Em São Paulo, os ditos “manifestantes” cantavam uma trovinha mais ou menos assim: “Alckmin, só um toque: o governo tem a PM, e o povo, os black blocs”.

Voltei

É meus leitores (são poucos, mas fiéis), por baixo do arroz tem linguiça. Estamos entrando no ano eleitoral. Há uma “guerra” formada em torno de candidaturas. São Paulo é um reduto eleitoral, o maior do Brasil, e está dirigido há muitos anos pelo PSDB. A União, pela fragilidade da oposição, está “deitada eternamente em berço esplendido”. O PT, até aqui, navega em águas calmas. Em São Paulo já conseguiu eleger o prefeito. Falta apenas o Governo do Estado. Então, o movimento é eleitoreiro e não reivindicatório. Minha desconfiança está confirmada. E a sua?


8

QUINTA-FEIRA 17 de outubro de 2013

REGIÃO

Manifesto ocorreu pela segunda vez neste ano na Miguel Arlindo Câmara

Candiotenses interrompem rodovia em busca de melhorias Depois de seis meses, a rodovia Miguel Arlindo Câmara, em Candiota, foi paralisada pela comunidade. Mais uma vez, a reivindicação foi por melhorias na pista, a qual está visivelmente deteriorada, com buracos e quase sem nenhuma sinalização. A manifestação, realizada ontem, iniciou ainda no início da manhã, por volta das 6h, e encerrou somente às 18h. Mais de 100 pessoas participaram do ato. Além de bloquear o fluxo de veículos em pontos estratégicos, o grupo interrompeu o tráfego em locais que poderiam ser utilizados como rotas alternativas. Deste modo, o trânsito para o município foi totalmente bloqueado. Com exceção de ambulâncias, a passagem não era permitida. Um dos principais focos do protesto ocorreu junto ao bairro João Emílio. Ali, em dois pontos, os manifestantes pediam ações urgentes que, além de garantir a melhoria de tráfego, tornassem a rodovia mais segura. Integrante da atividade, Gilmar Rodrigues de Moraes salientou que, desta vez, a comunidade espera que o protesto resulte em ações concretas. “Fizemos um manifesto, em abril, e decidimos buscar, junto às empresas da cidade, que utilizam a via todos os dias, recursos para um trabalho emergencial. Mesmo assim, até agora, apenas uma se comprometeu com verbas. Queremos uma solução imediata”, diz. Ele destacou que, caso nenhuma

Fotos: Cristiano Lameira

d c p v v d

Sinalização da pista estava entre principais reivindicações

medida seja adotada, a perspectiva de uma nova paralisação é grande. “Vamos dar um prazo, algo em torno de cinco a seis dias. Mas se nada for feito vamos parar de novo”, garante, ao destacar que tais decisões são tomadas em grupo. Com a interrupção do trânsito,

filas de caminhões transportando cargas, ônibus com funcionários de empresas que atuam no município, além de veículos tiveram que parar no acostamento e aguardar a liberação da pista. Para Rudinei Cristo, caminhoneiro que trazia uma carga de

canos de concreto de Gravataí, apesar do transtorno, o manifesto era justo. “Esta estrada, de fato, está terrível. Nesta madrugada mesmo, quando vinha para cá, um dos pneus da carreta furou em um buraco”, afirma. Para ele, além de defeitos no asfalto, a rodovia carece de sinaliza-

ção. “De noite mesmo a gente não vê praticamente nada. Acredito que a população daqui, que convive com isso diariamente, está certa. Se não for assim, ninguém vai fazer nada”, argumenta. E ressaltou: “pode demorar o quanto for necessário, eu espero. A causa tem sentido”.

Prefeitura busca alternativas

Recuperação parcial

Presente durante o manifesto, o secretário de Obras e Serviços Públicos, Artêmio Parcianello, atestou que, de fato, a rodovia necessita de uma revitalização completa. Contudo, alertou que o município não dispõe da totalidade dos recursos. “Um trabalho geral, hoje, custaria cerca de R$ 14 milhões”, aponta. Segundo ele, há algum tempo, o Executivo busca a federalização da via. “O projeto tramita no Congresso Nacional”, informa. Apesar disso, diz ele, outra alternativa seria buscar recursos junto ao Estado. Isso, segundo ele, porque a via, “se analisarmos a fundo, seria de responsabilidade do Governo do RS”. A afirmação feita pelo secretário leva em consideração a construção da rodovia, com quase 15 quilômetros de extensão. Em 1973, a Companhia Estadual de Energia Elétrica (CEEE) construiu a via

Aliás, um trabalho parcial foi executado ainda na data. Assim como adiantado pela reportagem do FOLHA do SUL, na edição de quarta-feira, uma operação tapa-

buracos foi iniciada, mesmo com o bloqueio da pista. Segundo Parcianello, o serviço, até a metade da tarde, havia sido executado entre a CGTEE e o posto do Nico e do

trevo de Dario Lassance em direção ao bairro João Emílio. “Já tínhamos esta ação prevista e, como havíamos adquirido o asfalto, precisávamos aplicá-lo no dia”, informa.

Caminhoneiro, mesmo parado, disse concordar com pedidos da população

Secretário relata que município busca alternativas

Moraes garante outro protesto caso medidas não sejam tomadas

com o objetivo de facilitar e agilizar o acesso entre a BR-293 e a Usina Presidente Médici. Contudo, após a emancipação do município, em 1992, a rodovia ficou sem um agente responsável por sua manutenção. Parcianello salienta, porém, que uma ação paliativa ainda é buscada junto às empresas da cidade. “É uma ação que o próprio grupo que se manifesta aqui iniciou. A CGTEE sinalizou com a liberação de R$ 50 mil. Com isso ocorrendo a Prefeitura pode destinar a mão de obra e, ao menos, garantir a melhoria da sinalização da via”, comenta. Porém, para um trabalho também prevendo a instalação de redutores de velocidade e melhoria de acostamentos, o custo é maior. “Orçamos em torno de R$ 262 mil. Apesar disso, a Prefeitura não conta com todo o valor necessário”, destaca.


REGIÃO Pinheiro Machado recebe motoniveladora do PAC 2 QUINTA-FEIRA

9

17 de outubro de 2013

Hulha Negra ganha coleta seletiva Bruna Silva/EspecialFS

Trabalho contará com três separadores O município de Hulha Negra conta, Fronteira (Asmar), que será responsável desde segunda-feira, com serviços de pelos trabalhos. coleta seletiva de lixo. A implantação do O sistema de atendimento conta com processo, junto ao perímetro urbano, foi três separadores que, em suas funções, deveviabilizado após a oficialização de con- rão recolher os materiais, já separados pelos vênio com a Associação de Separadores moradores, em horário anterior à passagem de Materiais Recicláveis da Rainha da do caminhão de coleta de resíduos sólidos.

Abaixo, confira o roteiro da coleta Segunda-feira

Av. Getúlio Vargas, Centro e Israel - Manhã

Terça-feira

Av. Getúlio Vargas e Vila Brasil - Manhã

Quarta-feira

Av. Getúlio Vargas, Passinho, Vila Floresta e Área Verde - Manhã e tarde

Quinta-feira

Av. Getúlio Vargas e Vila Israel - Manhã

Sexta-feira

Av. Getúlio Vargas, Sabino Loguercio e Vila Brasil - Manhã e tarde

Em cerimônia do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC 2), no último sábado, em Porto Alegre, o prefeito de Pinheiro Machado, José Felipe da Feira, recebeu uma motoniveladora, entregue simbolicamente pela presidente Dilma Rousseff. O novo equipamento, segundo o gestor, vai acrescentar na frota de maquinários e auxiliar nas diversas atividades de infraestrutura do município. A motoniveladora poderá ser utilizada, entre outras atividades, para abrir ruas, assentar o cascalho e melhorar terrenos. O prefeito enaltece que “esta motoniveladora será importante para que possamos intensificar o melhoramento das estradas vicinais, o que auxiliará de forma decisiva no escoamento da produção primária de nosso município”.

Divulgação/FS

Veículo foi entregue ao prefeito, durante cerimônia em Porto Alegre

Concurso público em vista A Prefeitura de Pinheiro Machado deve realizar um concurso público para contratação de novos servidores. A informação, porém, no momento, é que o processo encontra-se em fase interna,

momento em que é confeccionado o edital para definir a empresa responsável pelo certame. Nesta etapa, também são definidos os cargos e o número de vagas que

estarão disponíveis. O secretário de Administração, Luiz Henrique Chagas da Silva, adianta que, nos próximos dias, deverão ser divulgadas novas informações sobre o andamento do processo.

O Governo Federal traz mais qualidade de vida aos gaúchos.

DMinha Casa, Minha Vida: 109 mil moradias entregues e 67,7 mil contratadas.

1.700

+ DE BOLSAS NO EXTERIOR CIÊNCIA SEM FRONTEIRAS

D8 novas escolas técnicas inauguradas e mais 8 a caminho. DMais de 1.700 gaúchos conquistaram bolsas para estudar no exterior.

243 UNIDADES BÁSICAS DE SAÚDE EM CONSTRUÇÃO

109 MIL MORADIAS ENTREGUES MINHA CASA, MINHA VIDA

D46 UPAs 24 horas e 243 Unidades Básicas de Saúde em construção, além de outras 376 em reforma. DMais médicos para atender à população do interior e da periferia de grandes cidades. São ações assim que fazem do Rio Grande do Sul um lugar cada vez melhor para se viver.

8 NOVAS ESCOLAS TÉCNICAS


10

QUINTA-FEIRA 17 de outubro de 2013

GERAL

Assaltos geram clima de insegurança entre comerciantes Depois da onda de assaltos ocorridos na cidade (no último dia 11, a loja Quero-Quero e, no dia 14, a Ótica Prisma), o sentimento é de insegurança entre os comerciantes, que ficaram receosos com a violência e tentam encontrar maneiras para se proteger. O gerente de uma loja de eletrodomésticos, vizinha ao comércio que foi assaltado, Erivelto Morais, diz que o clima é de alerta, porém comenta que o sentimento só não é maior porque o estabelecimento possui um sistema de segurança efetivo. Apesar do sistema, ele fala que o cuidado foi redobrado. “Sempre tem bastante vendedores e nós observamos quem entra na loja”, destaca. O sentimento é compartilhado pela farmacêutica Michele dos Santos Farias, responsável por uma farmácia localizada no centro da cidade. Ela conta que o comentário na farmácia é que eles estão cercados, já que foram praticados dois assaltos próximo do estabelecimento. Como o fluxo de clientes é intenso no comércio, todos se mantêm vigilantes para evitar os crimes. “Nós somos estudados. Eles (assaltantes) esperam todos estarem ocupados para agir”, salienta. Michele recorda que a equipe passou por situações de risco, mas antes que algo de concreto ocorresse, chamaram a polícia.

Fotos: Gleider Ayres / Especial FS

Arquivo FS

Erivelto diz que sistema de segurança deixa funcionários mais tranquilos

Michele comenta que os assaltos trouxeram medo

Comerciantes se sentem inseguros

Efetivo policial O que também preocupa a farmacêutica é a diminuição de efetivo da Brigada Militar (BM) que, normalmente, ocorre próximo ao verão, pois alguns policiais se deslocam para trabalhar no litoral, na Operação Golfinho. “Ficamos preocupados, porque quando sentimos que a situação pode oferecer perigo

ligamos imediatamente para a polícia dar uma passada aqui na frente”, diz. A gerência da Ótica Prisma, que foi assaltada na última segunda-feira, relata que pretende reforçar a segurança e instalar câmeras, que não estavam em funcionamento no momento do roubo. Fato que não é a primeira vez que ocorre,

pois, anteriormente, o estabelecimento já havia tido prejuízos por causa de furtos. Por esse motivo, a ótica opta por não ter um volume grande de mercadorias, mesmo ouvindo reclamações de alguns clientes. A gerência afirma que a insegurança não permite a existência de um estoque. Também salientou que o clima

O que diz a Brigada Militar O major da BM, Emílio Barbosa, ressalta que é importante que os comerciantes se cadastrem, no quartel da Brigada, para fazerem parte dos contatos do

skype da BM. Dessa forma, não é necessário ligar para a polícia na hora de um assalto. Por exemplo, basta clicar e mandar a imagem do local, a partir daí, a polícia

registra o fato. ferência ocorre anualmente. “Não Sobre o efetivo, que pode há previsão para reposição de pesser deslocado para a Operação soal na cidade, mas não podemos Golfinho, ele diz que ainda não ignorar a quantidade de gente que tem informações, mas que a trans- vai para o litoral”, encerra.

entre os funcionários é de insegurança e que todos estão preocupados. Porém o ato de não reagir na hora do roubo, foi avaliado positivamente, porque no momento do assalto não só as atendentes como clientes e uma criança estavam no recinto. A tranquilidade evitou uma situação de risco à vida.


GERAL

QUINTA-FEIRA 17 de outubro de 2013

Dia do Coração em Bagé De acordo com o calendário da Sociedade Brasileira de Cardiologia, no dia 29 de setembro foi comemorado o Dia Mundial do Coração. Para marcar a data, a clínica Serten e o hospital Santa Casa de Caridade promovem, no próximo sábado, das 9h às 12h, uma manhã de atividades informativas. O evento ocorre na Praça Júlio de Castilhos (Praça da Estação), Fatores de risco Os fatores de risco para doenças ligadas ao coração são os mesmos para homens e mulheres. Alguns deles não podem ser controlados, como sexo, idade

com distribuição de folders explicativos sobre as doenças cardíacas e o câncer de mama, levando em conta o Outubro Rosa, verificação de pressão e aulão de dança para incentivar a população a praticar exercícios físicos. As informações sobre os fatores de risco para as doenças cardíacas, assim como as patologias ligadas ao órgão, serão

fornecidas, segundo a supervisora administrativa da clínica, Cátia Mendonça, por uma equipe multidisciplinar de profissionais da saúde e integrantes do corpo da instituição de saúde. Outras ações como esta já foram elaboradas pela Serten e Santa Casa, como o Dia de Combate ao Colesterol, pressão alta, diabetes e tabaco.

e histórico familiar. Porém, a maioria pode ser evitado através de mudanças de hábitos de vida. Entre eles, o tabagismo, a obesidade, a má alimentação e o

sedentarismo. Uma dieta equilibrada, não ser fumante e praticar atividades físicas regularmente reduz em 80% o risco de infarto agudo do miocárdio.

Gleider Ayres / Especial FS

Cátia diz que segue calendário da Sociedade Brasileira de Cardiologia

Prefeitura de Bagé retoma pavimentações asfálticas A Secretaria Municipal de Atividades Urbanas (SMAU) deu início, na manhã desta quarta-feira, à pavimentação asfáltica da rua Monsenhor Costábile Hipólito. Os trabalhos estão dentro da programação do asfalto sob pedra irregular da zona que está fora do patrimônio histórico. No local, serão colocados, aproximadamente, 400 metros de asfalto. Segundo o secretário da pasta, Eduardo Mendes, as condições climáticas, nesta época, favorecem os trabalhos de pavimentação. “Estamos dando continuidade e seguindo as pavimentações asfálticas, proporcionando, assim, conforto aos motoristas em um reflexo direto na mobilidade urbana. As ruas pavimentadas acabam sendo

as preferidas pelos motoristas, aliviando outras vias, além de desafogar o trânsito em outras ruas movimentadas. Esta pavimentação é mais uma opção de acesso à zona Oeste”, destaca Mendes. Para o comerciante Geraldo Gomes Ferreira, o asfalto sempre foi muito esperado na rua de sua mercearia. Morador da rua Monsenhor Costábile Hipólito, há 34 anos, Geraldo frisou a alegria de poder contar com a pavimentação. “Eu e minha família estamos muito contentes, são anos morando aqui e nunca tivemos este privilégio, agradeço ao Poder Público por nos proporcionar esta imensa alegria”, salienta. A rua Juvêncio Lemos será a próxima via a ser pavimentada.

Cristiano Lameira

Serviço retornou ontem pela manhã

11


12

QUINTA-FEIRA

17 de outubro de 2013

SOCIAL

E

MBALOS ANOS 80: festa que vai se realizar no Bagé Tênis Clube, dia 16 de novembro. Pela terceira vez, amigos e ex-colegas de escola vão confraternizar e dançar no melhor estilo John Travolta. É uma festa temática e fechada, ou seja, convites limitados e só vendidos para pessoas cujos nomes constem na lista. O motivo de tal restrição, segundo as organizadoras Simone Lima Kluwe e Miriam Klug, é reunir apenas gente que viveu intensamente os “embalos de sábado à noite”. Nas edições anteriores, veio gente de Brasilia, Rio, Curitiba, São Paulo, Camboriú, Joinville, Florianópolis, Rio Grande, Pelotas, Porto Alegre, Caxias do Sul e Santa Maria. Para a próxima festa, amigos de Fortaleza e Tocantins prometem presença. Aplausos!

DECORAÇÃO. Quem está nesse segmento é Marta Azambuja Assis que montou a Contexto Produções, tendo como sócia Helena Salles; essas gurias já cumprem agenda cheia de eventos... EM TODOS os momentos sociais de Bagé, as trufas da Léslie Netto não podem faltar, uau!... EM JANEIRO, abrindo o calendário social do high, vão se casar Carina Hamm Oliveira e Carlos Augusto Gomes Bispo; inclusive é Célia Dalmolim quem confecciona, e as filhas Jane e Janice bordam, o vestido da noiva. Aplausos! EM NOVEMBRO (9), a festa de 15 anos de Katherine Cleary promete bombar, Clube Comercial. O cerimonial será de Armando (Kiko) Etchegaray que terá o auxílio luxuoso de Cema Isquierdo; projeto e execução Edegar Thomaz (POA); paisagismo de Cipriano Lacerda (Kalanchoe); florista, Patrícia (POA); mesa de doces de Adriana D´Azevedo (POA); mobília e objetos de decoração, Lona Branca, Locare e Limiar (POA); fotos, Luiz Carlos Hunter (POA); serviço de vídeo, Frame Produções (POA); iluminação, som e Dj Nicolas Tamer (Jaguarão); buffet (de Pelotas). Aplausos!

A formanda Fernanda Menezes Pêgas, a mana Cecília e os pais, Mara Rúbia e José Carlos Pêgas, num clic Leko Machado

TERÇA-FEIRA, o fotógrafo Adilson Roccini passou o dia na Estância São Pedro; acontece que os touros de Glênio Carneiro vão aparecer em matéria especial na Zero Hora... AS CLIENTES da Composee não podem perder os últimos dias da promoção de cortinas Duette, Luminette e Piruette, só até dia 30, até 20% de desconto... BAGÉ A POÉTICA DE SUAS MORADAS é o título da exposição das artistas plásticas Heloisa Beckmann e Ângela Zaffari, inaugura dia 7 de novembro, no Palacete Pedro Osório. Aplausos! NA HORA DO CHÁ, hoje, na LEB: Marisa Garrastazu Xavier, Eva Tavares, Sirley Médici recebem a cabeleireira Celimar. Uma maneira das clientes retribuir o carinho que recebem dessa profissional que as embeleza há anos. Gesto bonito!... O EMPRESÁRIO Eduardo Biacchi está na Alemanha. Ele deixou mensagem a quem foi à concessionária Tterrasul, terça-feira, para o lançamento de evento Multifaces, que o Cobame vai realizar, em novembro, no Complexo Cultural Dom Diogo de Souza.

César Melo, Luisa e César Augusto, Juçara Silva Mello, anfitriões na inauguração do Mug, terça-feira, clic Fábio Lucas


SOCIAL

QUINTA-FEIRA

17 de outubro de 2013

13

C

ASAM-SE, neste sábado, Ana Paula Cardona Mielke e Gabriel Rodrigues da Luz; cerimônia religiosa às 20h, na igreja da Conceição, e recepção, para 200, no Salão Nobre da Associação Rural. Jantar Marcelo Correia, decoração, Miriam Akagi, bolo Viviane Budó. A noiva vai usar vestido Célia Dalmolin... ESPECIAL Vinícius de Moraes, programa Aplausos Antena 1, amanhã, às 11h, convidada Josefina Pimentel, que guarda significativo acervo sobre o poeta. Em Punta del Este, ela tocou piano, especialmente, para ele, e se tornaram amigos, oba! POR QUE o discurso da presidenciável Marina Silva não me agrada? Muito menos o de Eduardo Campos. Em comum, ambos parecem ter uma ambição pessoal sem limites. E a disfarçável vaidade. O discurso de Marina é dissimulado; o de Campos, irritante. Prefiro Dilma Rousseff por me parecer a melhor solução para o momento brasileiro repleto de contradições. “Pode não ser a melhor opinião, pode não ser a sua opinião, mas esta é uma coluna com opinião”. SEXTA-FEIRA (25), no sítio de Tânia e Carlos Augusto Bispo vai se realizar big festa de homenagem da Associação Bageense de Odontologia aos dentistas com mais de 40 anos de atividades: Téo Vasconcellos, Bóris Delabary, Mário Bezerra, Adão Leite, Mário Antônio Mezzomo, Daltro Paiva, Luis Carlos Alcalde, Dora Vinhas... O LIVRO “Jeitos de Ser Brasil”, do jornalista Nivaldo Pereira e do artista plástico Antônio Giacomin, Ed. Belas Letras, será lançamento, dia 24, no Da Maya Cultural. Aplausos! PRESTIGIADÍSSIMA, assim esteve a inauguração do pub The Mug, na Mal. Floriano, 1587. A “happy hour”, terça-feira, apenas para os amigos conhecerem a casa. Pense o nome de um médico famoso, ele estava lá; as médicas também, é claro. Afinal, Juçara e César Melo são aglutinadores, estimados pelos colegas e souberam transmitir isso aos filhos, Jerônimo e César Augusto; este é o proprietário do pub, em parceria com a esposa Luiza. A coluna deseja vida longa e muita badalação ao novo empreendimento. O Mug tem tudo para ser mais um point deste verão, oba! Só para lembrá-los, ele vai funcionar de terçafeira a sábado, entre 18h e meia-noite, ouviram meninos!

Katherine Cleary vai festejar os 15 anos com big festa no Clube Comercial, 9 de novembro

Os avós Noemi e Aracely dos Santos Menezes e a neta Fernanda Menezes Pêgas que colou grau em Arquitetura e Urbanismo, Urcamp, clic Leko Machado

Rosália e Funari, no Mug, terça-feira, clic Fábio Lucas

Tânia e Carlos Augusto Bispo, na inauguração do Mug, terça-feira

Valter Pötter e Nara vieram de Dom Pedrito prestigiar a inauguração do Mug

A Anhanguera dá a maior força pra você se preparar para o ENEM!

DIA 19/Out Aulão de dicas ENEM

Evento Gratuito

0

hh

s14 das

Evento presencial, especial para você

vestibulares.br

(53) 3247.7494

Rua Flores da Cunha, 226 (ao lado da Receita Federal)

3 19h s s à


14

QUINTA-FEIRA

17 de outubro de 2013

horóscopo

ENTRETENIMENTO novelas

Vênus continua recebendo tenso aspecto de Netuno e, por isso, você deve manter os pés no chão com relação aos seus projetos de médio e longo prazo. Não assine nenhum documento importante nos próximos dias. Seja racional.

Cuidado apenas com o excesso de otimismo, pois o Sol continua recebendo fortes energias de Júpiter, o que pode provocar irresponsabilidades, especilmente financeiras. A falta de limites pode prejudicar você em poucos dias.

Vênus e Sol, em tensos aspectos com alguns planetas poderosos, podem trazer situações enganosas até você. Mantenha os pés bem firmes no chão, especialmente com relação ao dinheiro compartilhado. Seja realista e prudente.

O amor continua um pouco nebuloso para você, escorpiano. O excesso de romantismo ou de compaixão pode criar problemas no setor. Mantenha os pés no chão, o máximo que conseguir, porque, de fato, está difícil.

Seu regente começa a se afastar de Saturno e o peso que vem sentindo há algum tempo começa a ficar para trás. É hora de fazer um planejamento realista para questões profissionais que envolvem o futuro sem deixar para depois.

Seu regente continua emanando fortes energias para o Sol em Libra, iluminando e trazendo energia para sua vida social. O amor pode também ser beneficiado por essa energia, trazendo um novo amor para sagitarianos solitários.

As energias se encontram meio confusas, mas mais amenas. Pode tornar-se difícil tomar uma decisão, mas ela deve mesmo ser adiada, se possível. Uma mudança de casa ainda pode acontecer ou, ao menos, o seu planejamento.

Saturno começa a deixar para trás a pressão sobre Mercúrio e sua vida social é altamente beneficiada. Novas amizades a caminho ou mesmo novos contratos, caso trabalhe com grandes empresas, clubes ou instituições.

HOJE NA TV sábado GLOBO

Franz diz aos monges que Pérola não vai para os Himalaias. Ernest não atende ao pedido de Iolanda para demitir Gertrude. Hilda revela a Sílvia que está apaixonada por um operário. Venceslau assume a culpa do desfalque e Franz lhe dá quinze dias para devolver o dinheiro. Davi se desespera ao ouvir de Rubens que não vai mais andar. Peteleco pede ajuda a Odilon para fugir do hospital. Fabrício convida Lola para sair. Os monges dão a Pérola um livro sobre a história de Buda. Benito e Manfred ameaçam Nuno. Franz pergunta a Sílvia se ela está envolvida no desfalque. Venceslau pede dinheiro a Iolanda. Décio não sabe como vai pagar a dívida com Aurora. Sílvia flagra Franz e Amélia no quarto do hotel onde ele está hospedado. Giane decide contar, na frente da câmera de Sueli, todas as armações de Amora. Simone passa mal ao ver a irmã ser “atacada”. Bento flagra Amora e Tábata discutindo. Érico vê o vídeo de Verônica e fica perturbado. Perácio fala para Glória e Eliseu que quer se vingar de Brenda. Simone implora que Bento perdoe Amora. Giane mostra as fotos do falso acidente de Amora. Malu manda flores para Maurício. Renata percebe o desinteresse de Érico. Maurício não acredita no amor de Malu por ele. Plínio exige saber o mistério que envolve Bárbara e Bolívar. Brenda tenta estragar o retrato que Perácio pintou de Lana. Malu e Bento encontram Amora trabalhando em uma loja de sapatos.

Niko discute com Amarilys, e Eron tenta tranquilizá-lo. Bruno procura Glauce, que fala sobre Paloma e o deixa enciumado. Félix procura Rebeca. Aline finge torcer o pé para se aproximar de Bruno. Daniel e Perséfone sofrem com os comentários feitos pelos colegas de trabalho. Aline anota o número de seu celular no aparelho de Bruno. Niko e Eron levam Jayme para casa. Carlito visita Marijeyne e beija Valdirene nas escadas do prédio de Ignácio. Ninho e Bruno se encontram. Félix chantageia Pérsio. Começa a reunião para eleger o novo presidente do San Magno.

ANIVERSÁRIOS Marte em Virgem continua pedindo controle nos gastos, pois pode haver despesas inesperadas nos próximos dias. Júpiter em bom aspecto com Mercúrio melhora a as energias dentro de casa. Aproveite e chame os amigos.

Marte em seu signo eleva sua energia vital e faz com que você coloque vários projetos em andamento. O Sol beneficia suas finanças, mas deve tomar cuidado com excesso de promessas. A fase no geral é boa e você deve investir.

Viagens são feitas e ótimos projetos são desenvolvidos nesta fase. Comece a tirar suas ideias do papel e coloque-as em prática, pois as chances de darem certo são muito grandes. No entanto, não dê passos maiores que suas pernas.

Marte em Virgem domina seus relacionamentos e toda sua energia é focada nesse setor. A energia é intensa, portanto, deve manter o controle sobre suas emoções e principalmente sobre suas reações. Seja racional.

Conrado Ferreira Lora Hollveg filho de Isa Daniele Duarte Ferreira e Alex Lora Hollveg - Elys Mara Bonfada - Dalila Tavares Silveira - Arcenio Radaerstt - Marcelo Barbosa Lopes - Vinicios Castilhos de Oliveira - Ladi Couto Teixeira - Itajar Munhoz Fontoura

cinema programação

FILMES EM CARTAZ QUINTA-FEIRA

O Tempo e o Vento - 18:30 O Tempo e o Vento - 21:15

00:25 Programa do Jô 01:55 Um Olhar do Paraíso 05:00 Telecurso Educação Básica 05:15 Telecurso Profissionalizante 05:30 Telecurso Ensino Médio 05:45 Telecurso Ensino Fundamental 06:00 Globo Rural 06:30 Bom Dia Rio Grande 07:30 Bom Dia Brasil 08:30 Mais Você 09:55 Bem Estar 10:40 Encontro com Fátima Bernardes 12:00 Jornal do Almoço 12:50 Globo Esporte 13:20 Jornal Hoje 13:50 Vídeo Show 14:40 O Cravo e a Rosa 15:50 HDTV - À Prova de Fogo 17:50 Malhação 18:20 Joia Rara 19:10 RBS Notícias 19:25 Sangue Bom 20:30 Programa Político Partidário 20:35 Jornal Nacional 21:15 Amor à Vida 22:30 The Voice Brasil 23:55 Amor & Sexo

BAND 00:45 Jornal da Noite 01:30 Claquete 02:30 Minuto do Futebol - Boletim 02:35 Família Soprano 03:35 Oscar 04:00 Igreja Mundial 06:50 1º Jornal 08:00 Dia Dia 09:10 Victorious 09:40 HDTV - Copa do Mundo Sub-17 da FIFA: Brasil x Eslováquia - Vivo 11:50 Jogo Aberto 13:00 Os Donos da Bola 14:00 Ponto de Luz 15:00 iCarly 15:25 Futurama 15:50 Os Simpsons 16:50 Brasil Urgente - Edição Regional 17:50 Brasil Urgente - Edição Nacional 18:50 Band Cidade 19:20 Jornal da Band 20:25 Minuto do Futebol - Boletim 20:30 Horário Político 20:35 Show da Fé 21:25 Zoo 21:35 Os Simpsons 22:35 Polícia 24 Horas

SBT 00:00 Gabi Quase Proibida 01:00 Jornal do SBT 01:45 The Big Bang Theory 02:30 Mike & Molly 03:00 O Ritmo de Memphis 04:00 Jornal do SBT 06:00 Jornal SBT Manhã 07:00 SBT Rio Grande 07:30 Jornal SBT Manhã 09:00 Bom Dia & Cia 11:50 SBT Rio Grande 12:45 Três é Demais 13:30 As Visões da Raven 14:30 Maria do Bairro 15:30 Cuidado com o Anjo 16:30 A Madrasta 17:30 O Privilégio de Amar 18:30 SBT Notícias 19:45 SBT Brasil 20:30 Horário Político 20:35 Chiquititas 21:15 Rebelde 22:00 Programa do Ratinho 23:00 A Praça é Nossa

RECORD 01:15 Programação IURD 06:30 Direto da Redação 07:15 Rio Grande No Ar 08:40 Fala Brasil 10:00 Hoje em Dia 12:00 Balanço Geral 14:30 Programa da Tarde 17:15 Cidade Alerta 19:45 Rio Grande Record 20:30 Propaganda Política 20:35 Rio Grande Record 20:40 Jornal da Record 21:30 C.S.I. NY 22:30 Pecado Mortal 23:30 Hell - A Ira Está Solta


GERAL

QUINTA-FEIRA

15

17 de outubro de 2013

Decreto para migração de rádios AM para FM deve ser autorizado no próximo mês O anúncio feito pelo Governo Federal do decreto para migração de rádio AM para transmissão em frequência FM, que deve ser publicado no próximo dia 7, trouxe à tona, novamente, a discussão sobre o tema. O ministro das Comunicações, Paulo Bernardo, diz que o motivo da troca seria a perda de ouvintes das rádios AM, principalmente entre o público jovem. Paulo Bernardo destaca que a digitalização do rádio, assim como vem acontecendo com a TV, ainda não tem um modelo definitivo que sirva para o Brasil. “O que nós vamos fazer, ainda este ano, é autorizar as rádios AM a se transformarem em rádios FM. Uma das pressões que temos para fazer o rádio digital é que a qualidade do rádio AM está caindo, principalmente nos grandes centros. Isso prejudica muito a audiência. A juventude, por exemplo, nem ouve mais rádio AM”, afirma. O jornalista, escritor e professor da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (Ufrgs), Luiz Artur Ferraretto, salienta que esta é uma tentativa de retomar ouvintes. “Em Porto Alegre, segundo pesquisa do

Divulgação/FS

Ibope, apenas 23% da população ainda ouve as rádios AM, e este é um dos melhores índices. Além disso, este tipo de frequência não é possível de ser encontrado em aparelhos celulares, o que colaborou para a diminuição de ouvintes”, ressalta. Para o proprietário de uma rádio AM de Bagé, João Vicente Gallo Sobrinho, o momento é de esperar a publicação do decreto. “Existe uma grande questão em torno da migração de AM para FM, não é simplesmente trocar de faixa. Estamos ainda aguardando a publicação do decreto, para saber o valor que esta migração irá custar (o custo será calculado pelo número de habitantes)”, enfatiza. Outro ponto ressaltado por Gallo é a questão dos canais onde as rádios deverão ser transmitidas. “Segundo o que sabemos hoje, as rádios AM passarão a transmitir nos canais 5 e 6 analógicos. Porém, aqui em Bagé, este sinal ainda é utilizado pela televisão analógica, o que pode gerar conflito”, comenta. O presidente da Associação Brasileira de Emissoras de Rádio

e Televisão (Abert), Daniel Slaviero, explicou que, com a futura liberação do espectro de 700 megahetz (MHz), onde hoje operam as televisões analógicas, parte desse espaço será ocupado pelas rádios AM. “Hoje, a faixa de frequência do FM atual vai de 88 MHz a 108 MHz. Os canais 5 e 6 vão de 76 MHz a 88 MHz. É o que a gente chama de faixa contígua ao FM. O decreto conterá que, nos municípios onde há outorga e todas as AM cabem no espectro atual de FM, elas migram automaticamente e devolvem sua frequência AM para o governo”, explica. Neste sentido, o ministro de Comunicações afirmou que o desligamento do sinal analógico para os antigos aparelhos de televisão, chamado de switch off, ocorrerá no primeiro semestre de 2015, mas que o cronograma ainda está sendo acertado com as emissoras. Segundo Bernardo, não haverá, contudo, prejuízo para o público, pois o governo vai facilitar a aquisição dos aparelhos necessários para converter o sinal digital para as televisões analógicas.

Ministro afirma que mudança se deu pela perda de ouvintes

Estrutura para sinal FM Ferraretto enfatiza que toda a troca de frequência precisará ser revista. “No momento que a rádio AM passa a ser transmitida em FM ela irá perder em alcance, e isto abre outra questão a ser discutida: as emissoras terão que ter rádios afiliadas para suas transmissões em outras cidades”, comenta.

Já Gallo garante que por já ter um canal de rádio na frequência FM, a transferência de sinal não seria o problema. “Temos toda a estrutura, antena em ponto mais alto, transmissor FM, ficamos agora esperando o decreto para saber como irá funcionar a concessão do canal”, encerra.


16

QUINTA-FEIRA 17 de outubro de 2013

GERAL Arquivo FS

Bageenses não têm local para doar sangue

Familiares são levados, em caso de urgência, até Pelotas para coletar sangue

Fim da coleta de sangue causa transtornos Desde que foi fechado para coleta, no dia 12 de agosto, o Banco de Sangue de Bagé, que funcionava anexo ao hospital Santa Casa de Caridade, apenas recebe o material do Hemocentro Regional de Pelotas (Hemopel) e faz os procedimentos necessários, como a transfusão. Porém, quando há casos de urgência, os familiares de pacientes são levados, através da Secretaria Municipal de Saúde, para Pelotas, onde coletam sangue para os enfermos. A situação causa desconforto às famílias, que precisam viajar às pressas para colher o material. “A situação é revoltante”, declara a secretária de Saúde, Aura Stella Pereira. Além do transporte de doadores, a Secretaria também busca o sangue no Hemopel, pois a Santa Casa não tem estrutura

para fazer o translado do líquido. Apesar da viagem, o Poder Municipal não tem mais responsabilidade sobre a qualidade do sangue, que muitas vezes acaba prejudicada. “Nós temos que ter alguém que garanta a qualidade do que é enviado para cá”, destaca. Aura diz que tem dúvidas se a política regionalizada do sangue vai servir para Bagé e que está insatisfeita com o modo como a situação tem se prolongado. A preocupação com a qualidade do sangue é antiga e já ocorria antes mesmo do serviço de coleta ter fechado. Quem fala sobre o assunto é a médica que coordenou o Banco de Sangue até o dia 18 de agosto, Lúcia Helena Ianzer. Ela diz que sempre houve problemas com o transporte, principalmente no que trata da

Aura afirma que situação é revoltante

Lúcia Helena diz que sempre houve preocupação com qualidade do sangue que vem de Pelotas

temperatura ideal do material. “A temperatura tem que estar entre 2 e 10 graus, mas nem sempre era o que ocorria”, salienta. Ela comenta que, muitas vezes, a culpa era colocada no motorista, que iria buscar o líquido, porém Lúcia Helena lembra que o servidor não tem a obrigação de controlar os quesitos técnicos. E que o sangue deveria sair do Hemopel com a temperatura correta. A médica explica que, em caso de uso do material sem a temperatura ideal, mais baixa que 2 graus, há o congelamento das hemácias, causando ao paciente insuficiência renal, podendo vir a óbito. Já em temperatura mais alta que o indicado, pode haver contaminação por bactérias, o que também pode se agravar e levar à morte. Solução temporária Uma campanha de doação de sangue, promovida pelo Conselho Municipal de Saúde, ocorre no próximo dia 26, sábado, a partir das 8h30min até às 11h30min e das 13h30min até às 16h, no local onde funcionava o Banco de Sangue, anexo ao hospital Santa Casa de Caridade. O presidente do conselho, Milton Brasil, diz que os moradores de toda a região estão convidados a participar. Todos os tipos de sangue serão coletados.


GERAL

QUINTA-FEIRA 17 de outubro de 2013

Catedral volta a ser cenário de casamentos após um ano de interdição Após um ano sem celebrar matrimônios na Catedral de São Sebastião, o padre Jair da Silva anuncia que as cerimônias voltam a ocorrer no dia 15 de novembro – para quando já está marcado o primeiro casamento. Mesmo sem previsão para o início das obras de restauração, a estrutura está liberada, conforme o religioso, após a reparação dos espaços mais danificados. Não há perspectiva de quando as obras terão início, até mesmo porque é preciso aguardar a liberação da verba necessária, pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional. O padre comenta que, há duas semanas, uma arquiteta do Iphan esteve no local e fotografou a estrutura. “Se as fotos dessem dinheiro, nosso problema já estava resolvido”, fala, quanto ao fato de que o processo de liberação costuma demorar devido à burocracia. Ele disse que a última informação era de que seria necessário, para o restauro, mais de R$ 1,2 milhão. Vale destacar que, conforme a arquiteta da Secretaria de Coordenação e Planejamento do muni-

cípio, Joelma Silveira, a Catedral está em uma nova fila de espera, porque prazos foram perdidos. “De acordo com contato realizado junto ao Iphan, fomos informados que o projeto tem prazo para captação dentro do Programa Nacional de Apoio à Cultura e que o mesmo caducou, portanto, por ser um bem privado, cabe à cúria buscar uma nova inscrição junto ao Pronac, com o mesmo projeto arquitetônico”, declara. O padre disse que o novo projeto já foi encaminhado. Joelma, por sua vez, esclarece que a responsável pelo encaminhamento do projeto de restauro da Matriz junto à Amimba (Associação dos Amigos do IMBA) é uma empresa da cidade de Pelotas. O presidente da Amimba, Sidemar Mendes Teixeira, destaca que a única responsabilidade da instituição é a captação de recursos junto ao Iphan. Ele não apontou perspectivas e sequer soube informar se o projeto fora novamente submetido para garantir os valores. Declarou que é a engenheira do município que con-

tava com tais informações. Apenas disse que há “muita burocracia”. Joelma esclareceu que a prestação de contas que estava pendente junto ao BNDES, referende aos outros restauros realizados na cidade, foi encaminhada com todos os dados requisitados e que não representa entrave nenhum para que o projeto da Matriz fosse retomado. “A Amimba tem o papel de proponente, assim como nos outros restauros. Os recursos são repassados para que os pagamentos sejam realizados à empresa de acordo com o que foi executado na obra”, declara, buscando apontar quais são as responsabilidades de cada um dos envolvidos nesse impasse. O bispo Dom Gílio Felício declarou que o novo projeto submetido contempla a acessibilidade e novas “patologias da estrutura”. Ele se mostrou otimista e diz que está acompanhando de perto a situação, junto ao padre Jair. Nenhum dos envolvidos, contudo, apontou perspectivas para a captação dos recursos e o início das obras.

17 Arquivo FS

Não há previsão para início das obras de restauro

Moradores de São Domingos Abertas inscrições buscam recursos para reconstrução de igreja para Pampatec da Unipampa Fotos: Gleider Ayres / Especial FS

Interior do prédio totalmente destruído

A capela de São Domingos está totalmente destruída. Isso há mais de um ano. Os moradores da comunidade buscam, agora, recursos, para que uma nova estrutura seja erguida. A presidente da associação de moradores do bairro, Marilene Rosa Pedroso, diz que está buscando doações nas empresas locais para que seja possível captar montantes em um bingo. Ela diz que as doações já chegaram, pois a maioria dos bageenses é sensível à causa. Ainda não há uma data para o evento e sequer a moradora sabe quanto é necessário para que a obra seja possível. “Estamos

buscando roupas e eletrodomésticos. Tudo ajudará”, comenta. Ela acrescenta que a comunidade também aguarda pela doação de um terreno, pela Prefeitura de Bagé. Trata-se de uma área próxima à escola Mário Olivé Suñe, mas a doação ainda depende de aprovação na Câmara de Vereadores de Bagé. A dona de casa Ivone Rodrigues, de 63 anos, residia ao lado da capela. Ela conta que o desmoronamento das paredes e do telhado da igreja ocorreu em uma madrugada. Todos dormiam e foram surpreendidos pelo ocorrido. No início, ela temia que a parte

Marilene tenta conseguir doações para realizar bingo

frontal do prédio pudesse desabar e atingir sua casa, mas, hoje, ela apenas lamenta pela falta que faz as atividades religiosas no local. Ivone diz que frequentava a igreja e, por vezes, ajudava na limpeza do espaço. Moradora do local há 30 anos, diz que desde quando passou a morar em São Domingos frequentava o templo, assim como sua família. Ela lamenta ver uma estrutura centenária da forma que está hoje e também diz que é triste saber que quando reerguida, não será ao lado de sua residência. A reportagem tentou contato com o padre que atuava no local, porém não obteve retorno.

O Parque Científico e Tecnológico do Pampa, da Universidade Federal do Pampa, está com inscrições abertas para o Desafio Modelo de Negócio. Isso até o dia 23 de outubro, por meio do endereço www.desafio.startuppampa. com.br. O objetivo é reunir interessados no projeto e possibilitar um espaço para aqueles que tenham ideias para negócios inovadores. Serão selecionados até 10 projetos para apresentação no dia 12 de novembro. Isso no campus da Unipampa de Alegrete. Destes, apenas três serão premiados: empresários escolherão os projetos mais interessantes. O Pampatec foi criado para promover atividades de pesquisa, desenvolvimento e inovação tecnológica, por meio da parceria com empresas e entidades. Vale destacar que bageenses também podem se inscrever, mas precisarão ir até o campus de Alegre, nos dias 23 de outubro e 12 de novembro. Esse é o evento-piloto em Alegrete, conforme destacou a assessoria de imprensa da universidade, que acrescentou que

o projeto deve fazer um circuito em todos os campus no próximo semestre. O Pampatec foi criado pela Resolução 12/2010 do Conselho Universitário da Unipampa, em 2010, para promover atividades de pesquisa, desenvolvimento e inovação tecnológica, por meio da parceria com empresas e entidades, com caráter multicampi e com sede no campus Alegrete. Tem como objetivo estimular a geração e a transferência de conhecimento e tecnologias da Unipampa para as entidades e empresas integrantes do Pampatec, visando o desenvolvimento e produção de bens, processos e serviços inovadores. A ideia é, também, atrair e abrigar atividades de pesquisa, desenvolvimento e produção de bens, processos e serviços inovadores, incentivar o surgimento de empreendimentos de base tecnológica, assim como promover o desenvolvimento e a competitividade de empresas cujas atividades estejam fundadas no conhecimento e na inovação tecnológica no Rio Grande do Sul.


18

QUINTA-FEIRA 17 de outubro de 2013

GERAL

Prociba busca indústrias parceiras para Restaurante Popular Prestes a completar oito anos de prestação de serviços na cidade de Bagé, o Restaurante Popular precisa agora de mais parceiros para a manutenção das refeições como são oferecidas hoje. O Prociba (Programa Cidadão Bageense) foi à Aciba (Associação Comercial e Industrial de Bagé), na noite do último dia 14, para apresentar o projeto e mobilizar os empresários em apoio ao restaurante. Conforme explica a secretáriaexecutiva do Prociba, Fabiana Galli Vaz, o Restaurante Popular continua em funcionamento, a procura agora é por mais parceiros que ajudem a qualificar e aumentar o serviço. “Temos um custo médio mensal de R$ 14 mil, para servirmos as 200 refeições diárias. Até 2009, o projeto era financiado pela Lei da Solidariedade através do Governo do Estado, porém uma mudança nesta legislação fez com que os parceiros que tínhamos não se enquadrassem dentro da lei”, relata. Cada refeição servida tem o custo de R$ 4,50, sendo R$ 2 pagos pelos usuários e os outros R$ 2,50 pela Prefeitura. Entre os parceiros estão o Supermercados Peruzzo (através de apoio direto), apoio social da empresa Sodex-Pura e do frigorífico Marfrig (onde as refeições são feitas). Para que

Cristiano Lameira

Perto de comemorar oito anos serviço tenta atrair apoiadores o projeto do Restaurante Popular volte A Lei da Solidariedade consoliFabiana comenta que a expectaa receber verba do governo estadual é da-se com a adoção de projetos sociais tiva é que, até o dia 24 de outubro, data preciso que parceiros que recolham elaborados e executados por entidades em que o restaurante completa oito ICMS (Imposto sobre Circulação de sociais. O Governo do Estado oferece anos, indústrias do ramo da alimenMercadorias e Prestação de Serviços) incentivo fiscal para a empresa parcei- tação já tenham manifestado apoio. voltem a integrar o projeto. “A reunião ra, de até 75% sobre o ICMS que teriam “Buscamos estas parcerias para que serviu para mostrarmos aos possíveis de recolher e, em troca, ela (a empresa) possamos seguir oferecendo o serviço novos parceiros os benefícios que estes colabora com o projeto social, com com qualidade, e ainda ampliando e possam ter”, diz. 25% de seus próprios recursos. qualificando o serviço”, encerra.


Comitiva bageense vai a Porto Alegre para tratar sobre linhas aéreas Rodrigo Thompson Flores / Especial FS

Vereadora diz que está esperançosa em relação as negociações

Uma comitiva composta pela vereadora Cláudia Souza, vereadores da Associação de Vereadores da Região da Campanha (Avercamp) e representantes da Associação Comercial e Industrial de Bagé (Aciba), estiveram, ontem, em Porto Alegre para tratar das linhas aéreas em Bagé. Os encontros ocorreram na Secretaria Estadual do Planejamento, Gestão e Participação Cidadã (SEPGPC), na Secretaria Estadual de Infraestrutura e Logística (Seinfra) e na Secretaria Estadual de Turismo (Setur). Segundo a vereadora Cláudia Souza, o governo estadual se mostrou empenhado em auxiliar na implantação do serviço na cidade. “O encontro serviu para reafirmarmos o compromisso que foi firmado junto com Bagé. Ainda não conseguimos definir a data da Audiência Pública sobre as linhas aéreas, pois o diretor aeroportuário do Rio Grande do Sul, Roberto Carvalho Netto, não pode se fazer presente durante o encontro”, afirma. Entre os pontos positivos, a vereadora garante que a diminuição do ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Prestação de Serviços) no combustível de 17% para 12%, através do decreto de 29 de setembro, auxilia nas negociações. “Além disso, o representante da Infraero Regional garantiu que a capacitação para os bombeiros – serviço que é obrigatório - é oferecida pela Infraero. Ficamos no impasse a respeito da demanda pelo serviço”, conta. Cláudia complementa que a Secretaria de Planejamento fará novo contato com a Azul Linhas Aéreas para que um Plano de Ação seja elaborado. “A demanda não é somente do município de Bagé, a demanda se tornou regional. Nos cercamos de todos os órgãos e entidades que nos auxiliem nesse processo para nossa audiência pública”, pontua. Fora isso, a parlamentar frisou a proximidade da Copa do Mundo de 2014, onde o Aeroporto Comandante Kramer pode servir como estacionamento de até cinco aeronaves.

GERAL

QUINTA-FEIRA 17 de outubro de 2013

19


20

QUINTA-FEIRA 17 de outubro de 2013

SEGURANÇA

Mutirão Carcerário defere 238 benefícios de execuções criminais na Comarca de Bagé

No último mês, foi realizado, durante 25 dias, o Mutirão Carcerário da Corregedoria Geral de Justiça, Susepe e Varas de Execuções Criminais dos municípios da Comarca de Bagé. Segundo o coordenador de Correição da Corregedoria Geral de Justiça, Fábio Longhi Serafim, na Comarca de Bagé foram deferidos 238 benefícios de execução criminal. “Salienta-se, no entanto, que esse número não quer dizer, necessariamente, que 238 apenados tiveram algum benefício, uma vez que num mesmo processo de execução criminal podem ser deferidos mais de um benefício, por exemplo: remição e progressão de regime”, explica. Foram concedidos 53 remições, 30 saídas temporárias/ programadas/automatizadas, 48 progressões de pena, 22 liberdades condicionais, 17 detrações, 10 trabalhos externos, 23 liberações de pecúlio, 13 prisões domiciliares, uma comutação, uma pena cumprida, duas extinções de condenação, uma extinta punibilidade pelo indulto,

Divulgação/FS

duas definições/remoções para o regime aberto, cinco unificações de condenações, duas extinções de punibilidade por morte, quatro indultos, um restabelecimento de PRD e uma extinção a punibilidade pela prescrição, descreve o coordenador. Conforme o mapa carcerário da Susepe, de setembro, no Presídio Regional de Bagé há 401 detentos, sendo que foram revisados 355 processos de execução criminal. “A quarta etapa do Mutirão Carcerário 2013 revisou a situação jurídica de 2.168 detentos encarcerados e 428 processos de execução criminal de presos provisórios (cautelares)”, conta Serafim. De acordo com coordenador, a ação foi realizada durante todo o mês de setembro, na 5ª Região Administrativa do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul (TJRS), englobando 21 Comarcas (Uruguaiana, Bagé, Cachoeira do Sul, Alegrete, São Gabriel, São Borja, Santana do Livramento, Dom Pedrito, Santiago, Encruzilhada do Sul, Itaqui, Rosário do Sul, São Sepé, Jaguari, Caçapava do Sul, São Francisco de Assis, São

Vicente do Sul, Quaraí, Rio Pardo, Cacequi e Lavras do Sul). “Nessa região, há um total de 2.781 presos, conforme mapa carcerário da Susepe”, destaca. Foram concedidos 947 benefícios no período do mutirão, dentre os quais, 207 remições de pena (abatimento dos dias e horas trabalhadas do preso que cumpre pena em regime fechado ou semiaberto, diminuindo a condenação que o mesmo foi sentenciado); 128 progressões de regime; 73 liberdades condicionais; 29 prisões domiciliares e cinco indultos. Também foram efetuados lançamentos nos processos de execução criminal nas Varas de Execuções Criminais (VECs) das comarcas dessa área, dentre eles, 819 alterações de condenação, 498 pedidos indeferidos, 190 inclusões de condenação, 246 alterações de data-base para benefício e 53 revogações de liberdade condicional. Havia 428 presos provisórios da 5ª Região, recolhidos há mais de 120 dias. Foram concedidas 39 liberdades, finaliza o coordenador.

Revisão resultou em 22 liberdades condicionais

Justiça Conforme explica o escrivão da Vara de Execuções Criminais do Fórum de Bagé, Renato Souza, um juiz de Porto Alegre, dois coordenadores e uma assessora realizaram o levantamento na região. “Tendo em vista o número elevado de apenados e a falta de funcionários, decidiram realizar o mutirão para agilizar o andamento e fazer os levantamentos de cada pro-

cesso, também uma nova sistemática de unificação de pensamento entre as varas de execuções criminais, proposta nova de ter um consenso, uma mesma linha de pensamento”, explica. Souza destaca que em Bagé foram revisados processos dos regimes fechados, aberto e semi-aberto. “Todos que se encontram no Presídio Regional de Bagé”, encerra.


SEGURANÇA

Jovem confessa crime de homicídio

QUINTA-FEIRA 17 de outubro de 2013

Homem usando crack é surpreendido pela polícia

Patrique Anteche da Silva, de 18 anos, confessou que matou Rafael Garcia Rangel, de 20 anos, na noite do último domingo, na sede do Grupo de Laçadores e Ginetes Raízes do Tarumã. Segundo a Polícia Civil, Silva re-

Policiais civis da Defrec estavam atendendo ocorrência de tráfico de entorpecentes, cometida por um menor de idade, quando, na residência do jovem, encontraram cém completou a maioridade e confessou tinha uma rixa antiga com a vítima. o crime em depoimento na noite de terçaDe acordo com os policiais, o um homem que se preparava para feira, na Delegacia Especializada em inquérito agora está sendo conduzido para fumar uma pedra de crack. Ele estava Furtos, Roubos, Entorpecentes e Capturas investigações e ainda serão ouvidas todas (Defrec). O acusado alegou ter cometido as vítimas que foram baleadas, familiares o crime por legítima defesa e, também, e testemunhas do crime.

A equipe de investigações da Delegacia Especializada em Furtos, Roubos, Entorpecentes e Capturas (Defrec) recebeu uma denúncia de que dois homens, que estariam na rua 803, do bairro Habitar Brasil, seriam, supostamente, os mesmos

que teriam cometido os assaltos a estabelecimentos comerciais. Na ocasião, os policiais flagraram, na rua 802, um adolescente com uma pedra de crack. O jovem apontou um local onde estariam mais seis pedras do entorpecente

Menor é apanhado com 18 pedras de crack

e, em sua residência, mais 11 pedras foram encontradas. Também na casa do jovem foi encontrado R$ 310, referente à venda de entorpecentes. Foi realizado o boletim de ocorrência e a droga foi apreendida.

Dois jovens são presos por tráfico de entorpecentes na pista de skate Na madrugada de ontem, foram presos, na pista municipal de skate, Dimitry Burgo, de 22 anos, lutador de Vale Tudo do PRVT – Paraná Vale Tudo, e Flávio

Júnior, de 19 anos, por tráfico de entorpecentes. Segundo a Brigada Militar, eles estariam vendendo drogas no local. Havia maconha e uma subs-

tância parecida com Haxixe. Os jovens foram presos em flagrante e encaminhados para o Presídio Regional de Bagé. A investigação ficará a cargo da Defrec.

Idoso estaria abusando de menor em Dom Pedrito A Polícia Civil de Dom Pedrito registrou, na tarde de terça-feira, após uma denúncia de familiares de uma menor de 6 anos, que seu padrinho, um fazendeiro de Dom Pedrito, estaria

Fogo na margem da BR-293

A Polícia Rodoviária Federal atendeu, na manhã de ontem, um chamado por foco de incêndio na margem da rodovia BR-293. Segundo os policiais rodoviários, o fogo pegou no pasto do local por estar seco e ter vento, na altura do km 117. Os bombeiros foram acionados e tentaram combater o fogo.

abusando sexualmente da menina. Segundo os policiais, o idoso, de 65 anos, teria passado as mãos nas partes íntimas da criança, que contou para a família. Durante o depoimen-

to, o homem informou que estava alcoolizado. A Delegacia de Polícia Civil do município irá investigar o caso de abuso de vulnerável. Cristiano Lameira

Policiais rodoviários combateram as chamas

OBITUÁRIO Izolete Rodrigues Sifuente, 76 anos, dona de casa, viúva. Residia na rua Turibio Alcade, nº 3000, bairro Ivo Ferronato. Deixa os filhos Vitor Ricardo, Magda, Diva Regina, Jairo, Marcos Vinícius, Luis Ronaldo e Gerson Luis. Santo Alberto do Coutro Colvara, 74 anos, motorista inativo, casado com Idelma Hepp Colvara. Residia na Av. Espanha, nº 1461. Deixa os filhos Derblai, Lizandra, Ligiane, Cris e Carlos Alberto.

21

com o prato, cachimbo e gilete em sua posse. O acusado foi encaminhado para a Delegacia de Pronto Atendimento, onde foi confeccionado o boletim de ocorrência por posse de entorpecente.


22

QUINTA-FEIRA 17 de outubro de 2013

ESPORTES

Melhores da primeira fase têm confronto

Na categoria master, 50 anos, da Liga Bageense de Futebol de Veteranos, houve, na primeira fase, a desistência do Caixeiral, que nem chegou a jogar; Arvorezinha, que disputou apenas duas partidas e, após a décima-segunda rodada, também desistiu Gente Bem-B. Restaram, então, 13 equipes na disputa, delas se classificando Hulha Negra, Gen-

Fotos: Caçapava – Especial FS

Sexagenários do Juventus

Liderança tranquila Promovido pela Secretaria Municipal da Juventude, Esporte e Lazer, o campeonato citadino dos 60 anos terá prosseguimento na tarde de sábado, no Militão. Os jogos previstos são Gente Bem x Hulha Negra, campo 2; FlamenGrêmio ficou em terceiro na primeira fase

te Bem, Grêmio dos Subtenentes e Sargentos, São Luiz, São Pedro, Nacional, Juventus e São Carlos para o octogonal da segunda fase, turno único. Os quatro primeiros avançam na competição. A primeira rodada da nova etapa está programada para sábado, às 13h30min, com 30 minutos de tolerância, no Complexo Esportivo

Presidente Médici, com os jogos Hulha Negra x Gente Bem, Juventus x São Pedro, São Carlos x São Luiz, Nacional x Grêmio. Os cinco clubes que não se classificaram à segunda fase disputam o torneio paralelo, que começará no sábado, com Brasil x Palmeiras, União Ferroviário x Três Corações, folgando o Santa Flora.

go x Juventus, 3; Caieira x São Pedro, 5; Caixeiral x Santa Flora, 7. A classificação geral indica Gente Bem, 29 pontos; Caixeiral, 24; Flamengo, 23 (prevalecendo no confronto direto); São Pedro, 22; Juventus,19; Caieira, 7; Santa Flora, zero.


ESPORTES

23

QUINTA-FEIRA 17 de outubro de 2013

Domingo decisivo na Tênis aumenta premiação segundona do amador

S

A última rodada do campeonato citadino de futebol amador, segunda divisão, em sua primeira fase, está programada para a tarde do próximo domingo, no Complexo Esportivo Presidente Médici e cercada de grande interesse, na medida em que vai definir os quatro primeiros colocados, tanto em reservas como titulares, de cada chave. , Atualmente, nos reservas, na chave A, Ipanema, 11 pontos e saldo a3, e São Simão, 11 pontos e saldo 1, , o .

estão garantidos. Atlantic, 7 pontos e saldo 1; Valério, 7 pontos e saldo (-2), Estrela Dalva, 7 pontos e saldo (-2), são os candidatos a duas vagas. Na chave B, a disputa é mais acirrada: Grêmio, 11 pontos; São Sebastião, 10; Alcides Almeida, 9 pontos e saldo 3; SER Espanha, 9 pontos e saldo (-3); Fronteira, 8 pontos. Nos titulares, grupo A, já se classificaram Atlantic, 18; Ipanema, 15; Valério, 4, e Caieira, 3 pontos. Na chave B, Grêmio, 12 pontos, e São

Sebastião, 12 pontos, saldo 8, estão garantidos. As vagas finais serão definidas entre Alcides Almeida, 9 pontos e saldo 4; Arvorezinha, 9 pontos e saldo 2; DAEB, 9 pontos e saldo 2; SER Espanha, 9 pontos e saldo zero. Os jogos da última rodada: Atlantic x Valério, campo 2; Caieira x Arvorezinha (apenas titulares), 3; São Simão x Alcides Almeida, 4; Estrela Dalva x Fronteira, 5; Ipanema x Grêmio, 6; Valério x São Sebastião, campo 7.

O talento de uma jovem enxadrista bageense

“Meu nome é Amanda Karsburg, tenho de 18 anos, e há três anos e meio me dedico à prática do xadrez”. Esta é a apresentação de uma jovem bageense, estudante da Escola Estadual Dr. Carlos Kluwe, priorizando os estudos, mas sempre encontrando tempo para o seu esporte predileto. A sua trajetória esportiva já é marcante. “Conquistei o tricampeonato gaúcho por categoria e o bi dos Jogos Escolares do Rio Grande do Sul, categoria 15 a 17 anos”, recorda com orgulho. Em 2012, na sua primeira participação em nível nacional, ficou em quarto lugar, em sua categoria, na 4ª Olimpíada Escolar Brasileira. Mais recentemente, no período de 29 de setembro a 4 de outubro, Amanda brilhou no 26º Joguinhos Abertos de Santa Catarina, na cidade de Criciúma, ficando em primeiro lugar tanto individualmente como por equipe, ela que representou o município catarinense de Navegantes. De 14 a 17 de novembro, a

Divulgação FS

Até o dia 23 deste mês, na secretaria do Bagé Tênis Clube, estarão abertas as inscrições para a 2ª Copa Clínica Previtali, a ser realizada de 25 a 27 de outubro. A taxa de inscrição é de R$ 50 e os primeiros 120 inscritos receberão camiseta do evento. O campeão da primeira classe ganhará R$ 2 mil e o vice R$ 800, cabendo R$ 200 a cada um dos semifinalistas. Na segunda classe, o campeão receberá R$ 400, enquanto

o vice será premiado com R$ 200. Nas demais categorias, 35 anos A, 45 anos A e primeira classe feminina, R$ 200 para o vencedor e R$ 100 para o segundo. Além de alojamento para os visitantes, o Bagé Tênis Clube firmou parceria com o City Hotel, oferecendo descontos aos tenistas de outras cidades e seus acompanhantes. A premiação total passou para R$ 4,7 mil.

CIEP é Bagé no futsal dos Jogos Escolares Com disputas em diversas modalidades, chega a sua fase final a edição de 2013 dos Jogos Escolares do Rio Grande do Sul. O futsal terá jogos de hoje a sábado, em Canguçu, sendo Bagé representada, na categoria juvenil feminino, pela Escola Estadual Dr. Luís Maria Ferraz (CIEP), com a equipe comandada pelo professor

Carlos IWar Beckman. Em Canoas, nos dias 31 de outubro, 1º e 2 de novembro, serão disputadas as finais do handebol, com os bageenses presentes pelas escolas Carlos Kluwe, juvenil feminino, e Leopoldo Maieron (CAIC), infantil masculino, as duas equipes são treinadas pelo professor Carlos Edmilson Calvete.

Amanda, tempo para o xadrez e estudos

talentosa enxadrista representará Bagé no torneio Aberto Oncosinos, em Porto Alegre. E, provavelmente, fecha a temporada de 2013, de 23 a 29 de novembro, em Blumenau,

disputando o 53º Jogos Abertos de Santa Catarina, competição aberta a participantes de todas as idades, o que aumenta naturalmente o nível técnico.

Resumo esportivo ELIMINATÓRIAS – Argentina, Colômbia, Chile e Equador serão os representantes sul-americano, juntamente com o anfitrião, Brasil, na Copa do Mundo de 2014. O Uruguai ficou em quinto lugar e terá de disputar uma repescagem contra a Jordânia. BRASILEIRÃO – Pela Série B, anteontem, Icasa 1x0 Palmeiras, Chapecoense 1x1 Ceará, Sport Recife 1x3 América Mineiro, ASA de Arapiraca 1x2 América de Natal, Guaratinguetá 0x0 Oeste, Figueirense 3x2 Paysandu, Paraná Clube 1x0 Bragantino, ABC 2x0 São Caetano. Principais posições: Palmeiras, 65 pontos; Chapecoense, 57; Sport Recife e Paraná Clube, 49. Na zona de rebaixamento, Atlético Goianense, 30; Paysandu, 29; São Caetano, 27; ASA de Arapiraca, 23. BRASILEIRÃO (II) – Complemento da rodada da Série A terá dois jogos hoje: 19h30min, Vasco da Gama x Goiás; 21h, Vitória x Botafogo. COPA REGIONAL – Zonal Sul-Fronteira teve, anteontem, São

higinobage@yahoo.com.br

Paulo 0x1 Brasil, gol de Márcio Hahn aos 40 minutos do segundo tempo. SELEÇÃO – Depois de ganhar da Zâmbia, em Pequim, por 2x0, gols de Oscar e Dedé, o Brasil terá novo amistoso no dia 19 de novembro, em Toronto, no Canadá, contra a Rússia. FUTEBOL AMADOR – Domingo, às 14h, no campo 3, jogo atrasado pela primeira divisão do citadino, São Martim x Passo das Pedras, em titulares. SEM CHANCES – Para que o Bagé continuasse sonhando com a vaga na segunda divisão, o Guarani de Venâncio Aires teria de ganhar por diferença de dois gols do Tupi, ontem, em Crissiumal. A vitória veio, mas apenas por 1x0, gol de Alexandre. A última vaga será decidida no jogo 15 de Novembro x Tupi (este jogando pelo empate), domingo, em Campo Bom. O jalde-negro está agora focado na Copa Regional e, no sábado, joga em Pelotas, contra o Farroupilha.

11/10/13 FEDERAL

1º 61.106 2º 01.235 3º 92.747 4º 59.372 5º 88.065 MEGA-SENA Nº 1538 23 27 35 52 53 57 LOTOMANIA Nº 1391 01 04 10 14 18 19 28 36 41 49 53 55 66 68 70 72 75 82 89 92

LOTOFÁCIL Nº 968 02 03 04 05 07 09 11 13 14 16 18 19 20 21 25 QUINA 3316 13 24 27 50 61 DUPLA-SENA Nº 1220 Primeiro sorteio 04 06 33 39 40 48 Segundo sorteio 17 22 25 39 40 50


www.jornalfolhadosul.com.br

BAGÉ, QUINTA-FEIRA, 17 DE OUTUBRO DE 2013

Gaúcho

FOLHA SUL


Campo caderno

BAGÉ, QUINTA- FEIRA, 17 DE OUTUBRO DE 2013 - Ano 1 - N° 56

Expofeira encerra confirmando momento favorável para agropecuária da região

Graciela Freitas

por Marcelo Pimenta e Silva

A

o encerrar, no último domingo, com o Parque Visconde de Ribeiro Magalhães lotado, a exposiçãofeira mais antiga do Brasil cumpriu seu papel: o de integrar a comunidade urbana com o campo divulgando o que de melhor há na produção primária de Bagé e região. Conforme mapas oficiais das leiloeiras, o faturamento total em remates foi de R$

3.238.955,00. Foram vendidos 463 animais, 407 bovinos das raças Hereford, Braford, Angus e Brangus e 56 equinos da raça Crioula. Números que representam a Expofeira como espaço de comercialização de animais de alta qualidade genética e reforçam também seu papel como um dos principais eventos para o turismo da região, como aponta estudo da Fundação Getúlio Vargas.

Integração Lavoura e Pecuária Uma tradição que há mais de 100 anos faz com que Bagé comprove sua vocação para a agropecuária. No entanto, o setor não para no tempo. A comprovação está na edição de 2013, em que temas como a integração lavoura-pecuária foi ressaltado por autoridades do agronegócio, sendo a prática da diversificação o fator preponderante para o sucesso. E isso fica evidente em tempos de expansão de culturas agrícolas na região, como a da soja, que promove, segundo especialistas, novas projeções para a produção local, com expectativa de ampliação de renda e desenvolvimento com geração de emprego.

O presidente da Associação e Sindicato Rural mencionou a situação atual do setor em seu discurso na inauguração oficial da 101ª Expofeira: “é um momento muito especial para o campo e para a cidade. A fronteira agrícola que outrora nos dividia, agora nos une e traz consigo uma luz ao setor do agronegócio de nossa região, com diversificação de renda, promoção de novas tecnologias e uma mudança significativa para a matriz produtiva da nossa região. A integração lavoura-pecuária é um fator multiplicador para os dois lados, proporcionando subsídio ao produtor rural”, enfatiza.

Desfile de qualidade: Expofeira confirma excelência das cabanhas locais

Gleider Ayres

Momento de diálogo O cenário favorável ao agronegócio gaúcho também foi destacado pelo secretário da Agricultura, Luiz Fernando Mainardi. Para o secretário, o bom momento da agropecuária deverá ajudar o RS a crescer o dobro do país este ano. Perspectiva que, segundo Mainardi, vem pela mudança de paradigma e no aumento da renda que as tecnologias e a pesquisa têm trazido às pequenas, médias e grandes propriedades. Para exemplificar, o secretário falou da política estadual de irrigação, aprovada recentemente no Legislativo gaúcho. “São o diálogo, a troca de opiniões, as divergências, por exemplo, com as cadeias produtivas que nos ajudam a criar, em conjunto, políticas públicas de desenvolvimento do campo. Precisamos, às

vezes, dar um passo atrás para, em seguida, dar dois à frente”, pondera. Opinião semelhante à expressada pelo vice-presidente da Farsul, Gedeão Pereira. Para o diretor, a união e o diálogo fundamentam uma realidade em que o agronegócio brasileiro torna-se o principal instrumento de desenvolvimento econômico e social do país. Neste momento, o pragmatismo faz com que ocorra uma convergência entre lados que, no passado, eram opostos. “A verdade mais verdadeira caminha pelo centro. Nem pela esquerda, nem pela direita. Hoje, a Farsul não é mais uma entidade que precisava adotar medidas de reação aos problemas enfrentados pelo campo; superada essa fase, ela é uma entidade proativa que dialoga com o governo”, frisa.

Homenagens

Comunidade prestigiou exposição

Na solenidade de inauguração ocorreu o tradicional desfile dos animais premiados na exposição. Também foram premiadas as seguintes cabanhas: categoria Bovinos de Corte – Estância Rio Negro, de Gilberto e Gustavo Camponogara (Bagé); Ovinos – Cabanha Espinilho, de Paulo Sérgio Soares e Joaquim Soares Neto (Bagé); Aves – Granja Alto Boni-

to, de Silvério de Moraes (Bagé); Bovinos de Leite – Cabanha da Maya, de Zuleika Borges Torrealba (Bagé) e Equinos – Cabanha Cala Bassa, de Marcelo Rezende Moglia (Aceguá). Também foi homenageado, como trabalhador rural, Walter Silva. O deputado federal Alceu Moreira foi homenageado pelo trabalho realizado pela Frente Parlamentar da Agropecuária.


2

QUINTA-FEIRA 17 de outubro de 2013

CAMPO

Aberdeen Angus divulga animais premiados na Expofeira

O Núcleo de Aberdeen Angus de Bagé realizou, no último sábado, o julgamento de classificação da raça, que contou com a participação de sete trios. O Grande Campeonato nas categorias PO e PC e Reservado Grande

Campeão PC ficou com os trios da Fazenda do Baú, de Alfredo da Cunha Pinheiro. Já o Reservado Grande Campeão PO foi para a Cabanha da Maya, de Zuleika Borges Torrealba. O jurado de classificação foi o médico veterinário Vanderlei Garcia.

Remate da raça

Aberdeen Angus fatura mais de R$ 100 mil por Marcelo Pimenta e Silva

Gleider Ayres

Confira os resultados do julgamento de classificação

Aberdeen Angus PO

Trio Grande Campeão e Campeão Touros 2 Anos Box 01 Fazenda do Baú, de Alfredo da Cunha Pinheiro, de Bagé Trio Reservado Grande Campeão e Campeão Touros Jovem Box 03 Cabanha da Maya, de Zuleika Borges Torrealba, de Bagé Terceiro Melhor Trio e Campeão Touros Sênior Box 04 Cabanha Coronado, de José Luiz Borges Germano da Silva, Bagé Supremo Campeão da Raça e Melhor Touro PO Box 01, tatuagem H05 Fazenda do Baú, de Alfredo da Cunha Pinheiro, de Bagé

Aberdeen Angus PC

Grande Campeão e Campeão Touros 2 Anos Box 07 Fazenda do Baú, de Alfredo da Cunha Pinheiro, de Bagé Reservado Grande Campeão e Reservado Campeão Touros 2 Anos Box 06 Fazenda do Baú, de Alfredo da Cunha Pinheiro, de Bagé Melhor Touro PC Box 07, tatuagem H23, Fazenda do Baú, de Alfredo da Cunha Pinheiro, de Bagé

O

Leilão contou com 28 lotes de cinco propriedades rurais

remate que concluiu a programação da raça Aberdeen Angus na 101ª Expofeira ocorreu no sábado, na Rural de Bagé. Antes, o Núcleo de Aberdeen Angus de Bagé realizou a entrega de prêmios às cabanhas que se destaca-

ram na exposição-feira. O remate contou com 28 lotes em pista, 13 da Fazenda do Baú, seis da Cabanha Maufer, dois da Cabanha da Maya, três da Cabanha Coronado e quatro da Fazenda da Barragem. O faturamento total do leilão foi de R$ 144.700,00, com

média de R$ 5.250,00 por animal. O touro mais valorizado foi o de tatuagem H05, da Fazenda do Baú, eleito no julgamento morfológico como Supremo Campeão da raça e Melhor Touro PO, vendido por R$ 8.250,00 para a Fazenda da Barragem.

Expediente Reportagens: Marcelo Pimenta e Silva Esta edição semanal é encartada no Jornal FOLHA do SUL GAÚCHO e não pode ser vendida separadamente.

Editor-geral: Glauber Pereira E-mail: marcelopimentaesilva@gmail.com Diagramação: Cristiano Lameira Revisão: Taisa Soares Fotos: Divulgação


caderno

Sem Fronteiras

Resgate histórico

Prestes a completar nove décadas da chegada dos primeiros imigrantes nas terras onde, hoje, fica o município de Hulha Negra, uma iniciativa da própria comunidade tenta resgatar um pouco desta história. Através de um documentário, o objetivo é reunir fatos marcantes da colonização, por meio de imagens e depoimentos e, deste modo, preservar a cultura, ao mesmo tempo repassar estes conhecimentos para as próximas gerações.

Reprodução/FS

BAGÉ, QUINTA- FEIRA, 17 DE OUTUBRO DE 2013 - Ano 1 - N° 20


2

QUINTA-FEIRA 17 de outubro de 2013

Sem Fronteiras

Tendência é de que escolhido possa ser cubano

Candiota deve ser contemplada com profissional do programa Mais Médicos

A

possibilidade de que Candiota, assim como Aceguá, Bagé e Dom Pedrito, seja uma das cidades da região contempladas com profissionais do programa Mais Médicos deve ser confirmada em breve. Isso, segundo o próprio prefeito, Luiz Carlos Folador. Em entrevista concedida ao SEM FRONTEIRAS, ele relatou que em agenda no Ministério de Saúde, na semana passada, esteve reunido com o assessor da Secretaria de Gestão, Gileno Gomes de Oliveira. “No encontro, o que me foi passado é que, na próxima chamada, prevista para novembro, um dos médicos inscritos deve ser destinado ao município”, relata. Para Folador, uma notícia comemorativa. “De fato temos uma demanda para profissionais; que venham para aperfeiçoar a nossa rede de atendimento”, alega.

Prevenção Folador reitera que, neste sentido, espera a confirmação para dar mais um passo rumo ao que, segundo ele, é a principal meta da administração para o setor. “A ideia é criarmos uma rede destinada à prevenção”, aponta. Deste modo, diz ele, não apenas profissionais responsáveis pelo atendimento de enfermidades, mas também de áreas como a Educação Física devem ganhar mais espaço no projeto. “Estamos criando uma série de políticas para incentivar a prática esportiva e os cuidados que cada um deve ter com sua saúde. Claro, os médicos fazem parte disso”, ressalta.

Direto de Cuba Mesmo sem confirmar a informação, Folador comentou que existe, de fato, uma possibilidade de que o profissional destinado para Candiota seja cubano. Vale lembrar que Bagé e Aceguá receberam um médico uruguaio, enquanto Dom Pedrito um colombiano. Com isso, este seria o primeiro profissional proveniente daquele país a vir atuar na Campanha gaúcha. “Esta é uma tendência, em vista do grande número de cubanos, cerca de dois mil,

que estão vindo para o Brasil”, lembra, ao evidenciar que não trata-se de uma garantia. Tendo em vista os questionamentos das entidades médicas quanto à atuação dos profissionais estrangeiros no país, principalmente cubanos, Folador disse apenas que espera trazer, assim, benefícios no atendimento à população local. “Vamos trabalhar para que mais profissionais venham para nossa cidade. Penso que, na atualidade, os estrangeiros vieram porque precisamos de mais médicos.

Expediente

Folador salienta que confirmação deve ocorrer apenas na próxima chamada

Esta edição semanal é encartada no Jornal FOLHA do SUL GAÚCHO e não pode ser vendida separadamente.

A demanda cresceu muito nos últimos anos, a expectativa de vida está mais alta e a capacitação demora. Então, para o momento, é uma alternativa válida”, argumenta. Sobre os cubanos, disse acreditar que estes estão capacitados para atuar. “Cuba é conhecida pelo seu sistema de saúde. Com destaques. Acredito que não haverá nenhum problema. Os profissionais se adequarão ao nosso sistema e, penso eu, estarão aptos para executar um bom serviço”, conclui.

Reportagens: Felipe Valduga Editor-geral: Glauber Pereira E-mail: felipelvalduga@gmail.com Diagramação: Cristiano Lameira Revisão: Taisa Soares Fotos: Divulgação


Sem Fronteiras

QUINTA-FEIRA 17 de outubro de 2013

3

Produção será apresentada durante comemorações da 13ª Oktoberfest do município

Imigração de alemães de Hulha Negra será retratada em documentário

A

partir do próximo dia 25, a localidade da Trigolândia, em Hulha Negra, sedia a décima terceira edição da Oktoberfest. Contudo, mais do que confraternizar com a comunidade local e regional, o evento traz, em sua essência, um momento para o resgate de tradições

provenientes de muitos anos atrás. Isso porque, há quase 90 anos, naqueles mesmos campos, estabeleceram-se os primeiros imigrantes, originários da Alemanha, seus descendentes e, desde então, deram início à história que culmina em um dos principais redutos germânicos da Metade Sul do Estado.

Plantação de trigo de Otto Manske Família Vitor Baumbach

Para eternizar a história

Para marcar este período quase secular, um documentário, produzido por moradores do município, pretende contar um pouco dos principais momentos deste período. A acadêmica de Jornalismo da Universidade da Região da Campanha, Bruna Silva, é uma das responsáveis por esse trabalho. Segundo ela, o material, denominado “Resgatando a história – Trigolândia 88 anos”, será apresentado no dia 25 – primeiro dia dos festejos. A proposta nasceu quando a comissão organizadora da Oktoberfest resolveu fazer uma apresentação de fotos para resgatar a cultura e tradição do povo alemão aqui em Hulha Negra. “Como já havia feito um trabalho para a faculdade e já tinha entrevistas e fotos, pensei em fazermos um documentário”, recorda. “No dia 5 deste mês, quando aconteceu o jantar de escolha das Soberanas, coletamos fotos antigas de toda a comunidade. Já temos

bastante material”, destaca. Desde quando fui estudar na Trigolândia, e comecei a dançar no grupo de danças Friedenau, embora não tenha origem alemã, criei um amor pela cultura. Eu vejo uma cultura que muitos desconhecem, a historia da Trigolândia é linda, são 88 anos de muito trabalho e tradição. Tenho imenso prazer, de alguma forma, contribuir com a minha cidade e mostrar que aqui em Hulha Negra temos uma história linda e que deve ser resgatada, preservada e conhecida. “Todo esse trabalho está sendo realizado não só por mim, mas, sim, por uma equipe, Ester Koester, Carlos Alberto Manzke, Simone Manzke e Andrius Dallé, que vai ser o responsável pela edição do documentário e, claro, também com o apoio da comunidade, que nos disponibilizaram as fotos e as entrevistas, com toda a simpatia”, explica.

Trabalho em execução O documentário, conforme Bruna, terá duração de 20 minutos e será composto por depoimentos, fotos e narrativas. “O objetivo é resgatar e preservar a história”, salienta a acadêmica. O trabalho, aliás, ainda está em produção. “Fizemos o roteiro e, nesta semana, estamos realizando as entrevistas”, comenta. Entre as personalidades entrevistadas, Helmult Koester, presidente do clube da So-

ciedade Concórdia Cultural e Recreativa e integrante da comissão realizadora da Oktoberfest; Carlos Manzke, secretário de Meio Ambiente; e nomes como Helmult Schneider, José Furich e Arno Schneider. A escolha, explica Bruna, é “porque são pessoas que nasceram na comunidade, são pessoas idosas que gostam e conhecem a história. Além disso, são pessoas participativas na comunidade e alguns estão na Trigolândia desde o início”.

Bruna, durante uma das entrevistas

Conclusão

Casal Bartz

Primeira residência da família Hartwing: 1939

O resultado final deve ocorrer no final desta semana, para quando está agendada a edição do material. Contudo, quem tiver curiosidade em conhecer a produção completa, deverá comparecer, dia 25, no clube da Sociedade Concórdia, e conferir a exibição. “Depois da exibição a ideia é disponibilizar este documentário para a comunidade. A forma ainda não foi definida”, adianta.

Outra proposta relatada por Bruna é para 2015. “A comissão pretende escrever mais um livro contando a historia da Trigolândia, para os 90 anos de fundação, baseado no documentário. Já existe um livro que foi publicado em 2005, em comemoração aos 80 anos da Colônia, que conta a historia das famílias e da comunidade”, lembra.


QUINTA-FEIRA 17 de outubro de 2013

Sem Fronteiras

Iniciativa busca garantir abastecimento para produtores rurais em vulnerabilidade

Programa vai construir 49 cisternas em Lavras do Sul

No próximo dia 24 de outubro, a Prefeitura de Lavras do Sul realiza o processo licitatório para contratação de empresa responsável com o objetivo de construir 49 cisternas no interior do município. As empresas interessadas devem encaminhar envelope com documentos até às 9h, da data, junto ao Setor de Compras e Licitações. Conforme a gerente de convênios da Secretaria de Planejamento, Cláudia Lopes Garcia, a ação será viabilizada com recursos do Programa Cisternas, articulado entre os governos Federal e Estadual. “A ideia é alcançar água para quem não tem acesso, principalmente em épocas de seca”, relata. Cláudia acrescenta, contudo, que a meta do município ainda é ampliar a iniciativa. “Temos, pelo menos, 100 famílias em situação de vulnerabilidade. Elas precisam, muitas vezes, do auxílio da Prefeitura para ter água”, conta. Deste modo, o programa tem disponibilizado um valor na ordem de R$ 107 mil. Cada uma

das unidades terá capacidade para armazenar 16 mil litros e contará com equipamentos para tratamento. “Elas são destinadas ao consumo humano. Ou seja, cada beneficiado também receberá um treinamento para executar a limpeza da água armazenada. É a primeira vez que o município recebe este tipo de programa e com esta capacitação”, completa a gerente de convênios. Assim que concluída a licitação, a perspectiva é que as obras possam ser concluídas até março de 2014. Vale lembrar que o programa foi lançado ainda em 2012 e, para toda a Metade Sul do Estado, estão previstas 3.241 cisternas. O projeto, desenvolvido em parceria com o Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS), tem como público-alvo as famílias de agricultores de baixa renda residentes em áreas rurais dos municípios prejudicados pela seca. Além disso, é necessário possuir perfil para ser inserido no Cadastro Único para os Programas Sociais do Governo Federal.

Pronatec chega em Pinheiro Machado

Solenidade, na segunda-feira, marcou início das aulas

Márcio Vieira/EspecialFS

Licitação vai contratar empresa para executar instalação de unidades

Sílvio Williams/ Especial FS

O Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego, o Pronatec, chegou em Pinheiro Machado. Na segunda-feira, uma solenidade na Escola Municipal Manoel Lucas Prisco, com a presença do secretário estadual do Trabalho e do Desenvolvimento Social, Luís Augusto Lara, marcou o início das aulas. No município, a iniciativa vai beneficiar um total de 60 alunos em capacitações de Auxiliar Administrativo e Operador de Caixa. “Estamos reativando os cursos de qualificação gratuitos aqui em Pinheiro Machado. É a oportunidade que a população do município terá de se qualificar para o mercado de trabalho e ainda contar com valerefeição e vale-transporte para deslocamento até a escola. Estes cursos servem como entrada no mercado de trabalho e emancipação dos programas sociais”, destaca Lara. O secretário Lara mostrou-se entusiasmado com os dados divulgados pelo Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome e pelo Ministério da Educação, mostrando o Rio Grande do Sul como o estado brasileiro com maior

número de matrículas em cursos do Pronatec. Os dados foram calculados até a quinta-feira da semana passada e mostram que o Estado já tem mais de 55 mil matrículas confirmadas no sistema. “Os números repetem o sucesso gaúcho do ano passado quando qualificamos mais pessoas do que nos últimos 10 anos somados, além do recorde de qualificação profissional do país”, declara. Em 2012, o Rio Grande do Sul foi responsável por um terço da qualificação profissional do Brasil, no que se refere aos cursos do Pronatec Brasil Sem Miséria: foram ofertadas 58.090 vagas neste programa. “Com o Plano Estadual de Qualificação Profissional, onde elaboramos, em parceria com diversas entidades, um grande mapa estratégico das oportunidades de emprego, também somos o estado recordista na qualificação de pessoas: mais de 40 mil. Nosso diferencial deve-se ao fortalecimento da integração entre as áreas do trabalho e da assistência social nos municípios, fazendo com que a inclusão produtiva passe a ser um dos alicerces para o desenvolvimento econômico e social”, afirma o secretário Lara.


CAMPO

QUINTA-FEIRA 17 de outubro de 2013

3

Crioulos movimentam a Rural durante Expofeira

D

urante a programação da 101ª Expofeira de Bagé, o Núcleo de Criadores de Cavalos Crioulos do município realizou uma programação intensa. Desde a chegada dos animais, na quarta-feira, dia 9, até o último dia de exposição-feira, os Crioulos abrilhantaram a feira mais antiga do Brasil. Em sua exposição de primavera foram inscritos mais de 100 animais de cabanhas de Bagé e de outras regiões do Estado. No julgamento morfológico, que ficou a cargo de Francisco Martins Bastos Sobrinho, as cabanhas Cala Bassa, de Marcelo Rezende Moglia, e Cavalera, de Rafael Grimm Vaz e Eliana Sussenbach Vaz, levaram o grande campeonato com a égua Convocada Cala Bassa e com o macho Estradeiro Cavalera.

Cristiano Lameira

Além da morfologia, a programação da raça contou também com a credenciadora aberta ao Freio de Ouro 2014. Os destaques da prova, conhecidos na manhã do dia 13, foram La Rinconada Golosa, da Estância Guapuruma, de André Luiz Narciso Rosa, de Navegantes/ SC, entre as fêmeas, e Raio de Santa Odessa, de Maria Chirinos e André Ricardo Hoeschl, entre os machos. Ambos contaram com o ginete bageense Lindor Collares Luiz que também viu seu filho, Leonardo Collares, colocar Zeta de São Pedro, da Estância São Pedro, de Uruguaiana, em terceiro lugar nas fêmeas. Ao total, 16 animais participaram da prova, que foi avaliada, também, por Francisco Martins Bastos Sobrinho, Guilherme Abascal e Júlio César Hax.

Julgamento morfológico atraiu grande público

Workshop “Temas Atuais da Raça Crioula” Como divulgado no jornal FOLHA do SUL, pelo presidente do NCCC de Bagé, Alexandre Suñé, uma das novidades na exposição deste ano da raça foi o workshop “Temas Atuais da Raça Crioula”, ministrado pelos palestrantes Mariano Lemanski, Fernando Velo Filho e Roberto Schroeder. O workshop ocorreu no dia 11, no Salão Nobre da Rural. Mariano, que é publicitário, em-

presário e criador de cavalos Crioulos, falou sobre as perspectivas de mercado a partir de experiências próprias. “Tracei um comparativo entre o primeiro leilão realizado pela minha propriedade, em 1995, e o último que fizemos este ano, mostrando a evolução dos valores que se agregaram à raça, e o que isso gerou em termos de faturamento”, explica. Já Fernando abordou as biotecnologias na reprodução. O médico

veterinário em reprodução equina explanou sobre tecnologias como controle folicular de fêmeas, coleta e exame andrológico dos machos, inseminação artificial, congelamento de sêmen e transferência de embriões. “Até 1995, poucas cabanhas investiam nisso, fazendo a temporada de monta controlada, hoje, praticamente todas contratam profissionais que se dedicam, exclusivamente, a esse tipo de trabalho,

principalmente, depois que o congelamento de sêmen e a inseminação artificial foram liberados”, diz. Também participou do evento o representante do Ministério da Agricultura, Roberto Schroeder. Suñé ressaltou que participação do público, diretamente, ligado ao cavalo Crioulo, proporcionou uma grande troca de informações. “Eu fiquei muito contente com o evento. Tomara que perdurem

ações como essa, porque é importante para a raça Crioula, o que me deixou também encorajado para a realização de mais eventos com esse enfoque no futuro”, destaca. Além de atividades de integração, como o coquetel de premiação, o Núcleo também realizou o Leilão de Cobertura que obteve um faturamento até então histórico para a entidade, de R$ 175 mil.

Núcleo divulga campeões da raça Holandês A raça Holandesa participou da 101ª Expofeira com programação organizada pelo Núcleo de Criadores de Holandês da Zona Sul. No total, foram inscritos 42 animais de propriedades dos municípios de Bagé e Hulha Negra. O julgamento de classificação ficou sob responsabilidade do médico veterinário Leonardo Moreira. Além do julgamento morfológico, o Núcleo também organizou o tradicional Concurso Leiteiro, que teve a participação de quatro animais. A entrega de prêmios às cabanhas vencedoras aconteceu na noite de sábado, dia 12, no pavilhão de Gado Leiteiro do Parque de Exposições Visconde de Ribeiro Magalhães.

Confira os resultados Julgamento de classificação Grande Campeã, Campeã Vaca dois anos Sênior e Campeã Vaca Jovem Box 37 Maya Luna 27 Laurin – Criador e Expositor Cabanha da Maya P.A.P, de Zuleika Borges Torrealba, Bagé Reservada Grande Campeã e Campeã Vaca 5 Anos Box 41 Gincana Fernanda 93 Jurassic Marion - Criador e Expositor Cabanha Gincana, de Villie Hubert, Aceguá Terceira Melhor Vaca, Reservada Vaca Jovem, Campeã Vaca 3 Anos Sênior Box 39 Gincana Antoniella 117 O. M. Durchan - Criador e Expositor Cabanha Gincana, de Villie Hubert, Aceguá

Campeã Fêmea Jovem e Campeã Terneira Sênior Box 29 Maya Livia 39 Goldwin-TE – Criador e Expositor Cabanha da Maya P.A.P, de Zuleika Borges Torrealba, Bagé Reservada Fêmea Jovem e Campeã Terneira Mirim Box 14 Ana Tereza Sphia 968 Classic – Criador e Expositor Cabanha Ana Tereza, de Arno D. Hartwig, Hulha Negra Melhor Úbere Adulto Box 42 Borg Rita Throne 674 – Criador e Expositor Cabanha da Maya P.A.P, de Zuleika Borges Torrealba, Bagé Melhor Úbera Jovem

Box 38 Bur Jr. Sayonara 1958 - Criador e Expositor Cabanha da Maya P.A.P, de Zuleika Borges Torrealba, Bagé Grande Campeão e Campeão Terneiro Box 04 Tang Roque Gibson Roy 8123-TE – Criador Orlando, Marcos e Itamar Tang – Expositor Cabanha da Maya P.A.P, de Zuleika Borges Torrealba, Bagé Reservado Grande Campeão e Reservado Campeão Terneiro Box 03 Guaibu Homero 184 Reginald – Criador e Expositor Cabanha Guaibu, de Jairo e Rosângela S. Willrich, Hulha Negra Concurso Leiteiro Jovem

1ª lugar – Box 39 Gincana Antoniella 117 O. M. Durchan – Produção 39.950 Kg - Criador e Expositor Cabanha Gincana, de Villie Hubert, Aceguá 2º lugar – Box 36 Gincana Joahanna 139 Eland Shottle – Produção 34.340 Kg Criador e Expositor Cabanha Gincana, de Villie Hubert, Aceguá Adulta 1º lugar – Box 41 Gincana Fernanda 93 Jurassic Marion – Produção 46.710 Kg - Criador e Expositor Cabanha Gincana, de Villie Hubert, Aceguá 2º lugar – Box 40 Arrayan Diretoria 137 VN Amery – Produção 41.310 Kg - Criador e Expositor Cabanha Gincana, de Villie Hubert, Aceguá


QUINTA-FEIRA 17 de outubro de 2013

CAMPO

Julgamentos da Expofeira teve participação de 117 ovinos Dentro da programação da 101ª Expofeira foram julgados 117 ovinos. O julgamento de classificação das 10 raças ovinas contou, como jurados, os médicos veterinários José Galdino Dias, jurado de admissão, Clara Silveira Luiz Vaz, que avaliou a raça Crioula, e Sérgio Muñoz e Gustavo Velloso, que julgaram as demais raças.

Cotações

As cabanhas mais pontuadas foram Espinilho, de Paulo Sérgio Soares e Joaquim Soares Neto, de Bagé, na categoria lã, e Obelisco, de Marco Aurélio Silva Sanchotene, de Dom Pedrito, na categoria carne. As premiações foram entregues durante um coquetel promovido pela Associação Bageense de Criadores

Oeste Pelotas

Kg R$ 3,20 Kg R$ 3,25

Fonte: Rural BR Cordeiro Kg/vivo R$ 3,80 Vaca Gorda Kg/vivo R$ 2,85 Fonte: Núcleo de Produtores de Terneiros de Corte de Bagé Preço do Boi Kg/vivo Frigorífico Campeiro Preço da Vaca Kg/vivo Frigorífico Campeiro

Boi Vaca

R$ 3,35 R$ 2,90

Preço da Carcaça de Boi - 30 dias a prazo Frigorífico Marfrig Boi

R$ 6,40

Preço da Carcaça de Vaca - 30 dias a prazo Frigorífico Marfrig Vaca

R$ 6,10

Leite Tipo C - R$/L Praça Fonte: Rural BR Milho - R$/Sc (60kg) Praça

Gleider Ayres

Agenda

Arroz irrigado casca – R$/Sc (50kg) Praça Uruguaiana R$ 32,93 Praça Pelotas R$ 33,85 Praça Cachoeira do Sul R$ 33,93 Fonte: Mafer Agronegócios e Rural BR Boi Gordo – 30 dias Praça

de Ovinos – Abaco em sua sede, no Parque de Exposições Visconde de Ribeiro Magalhães. A listagem de todos os animais premiados em cada raça pode ser encontrada no site do jornal FOLHA do SUL (http://www.jornalfolhadosul.com.br/noticia/2013/10/12/ divulgados-os-grandes-campeoes-dosovinos-na-expofeira).

Norte/Noroeste

R$ 1,030

Erechim

R$ 24,00

Soja R$/Sc (60Kg) Praça Rio Grande Praça Passo Fundo Fonte: Safras e Mercado e Rural BR * Cotações de 16 de outubro

R$ 75,00 R$ 74,30

Agenda Remates (55) 3422-4664 / (55) 3422-5133

17 de outubro Canguçu

Exposição-feira de Alegrete 18,19 e 20 de outubro

Remate Gado Geral 24 de outubro Associação Rural de Pelotas

Remate Gado Geral 24 de outubro Alegrete Cambará Remates (55) 3322-6640 / (55) 84046640 Remate Hereford e Polled Hereford 18 de outubro Alegrete Remate Braford 19 de outubro Alegrete 1º Leilão Certificado Gado Pampa 22 de outubro São Gabriel Casarão Remates (53) 3223-2424 Remate Gado Geral

Crioulo Remates (51) 3330-3579 Remate Vaqueiro 19 de outubro São Sepé Remate Tellechea Associados 20 de outubro Uruguaiana 2º Remate 4 Esteios e Convidados 25 de outubro São Gabriel Guarany Remates (55) 3252-1532 39ª Leilão Cabanha Santa Maria 19 de outubro São Gabriel

4º Leilão Cabanha Babaraquá 21 de outubro São Gabriel 42º Remate Estância do Bolso 23 de outubro São Gabriel Knorr Leilões (53) 3028 - 1400 Leilão Touros da Fronteira 18 de outubro Santana do Livramento Leilão Integração 19 de outubro Arroio Grande Leilão Quiri Agropecuária 24 de outubro Dom Pedrito Trajano Silva Remates (51) 3028-2828 Remate Anual Aurora e Sossego 18 de outubro Uruguaiana


Folha do Sul Gaúcho Ed. 1056 (17/10/2013)