Page 1

S ESCOLA SECUNDÁRIA

EÇA DE QUEIRÓS

ANUÁRIO 2011/2012


S ÍNDICE p.3 p.4 p.6 p.8 p.9 p.11 p.12 p.13 p.14 p.17 p.42 p.43 p.49 p.50 p.51 p.57 p.60 p.64 p.65 p.66 p.68 p.69 p.70 p.71 p.74 p.75 p.76 p.77 p.78 p.80 p.86 p.87 p.89 p.92 p.94 p.96

Apresentação Abertura do Ano Letivo Direção / Professores e Técnicos Superiores Assistentes Órgãos de Administração e Gestão Associação de Pais e Encarregados de Educação / Associação de Estudantes Mapa Resumo da Conta de Gerência ESEQ 2011 Oferta Educativa Resultados Escolares Fotografias das Turmas Diretores de Turma Turmas 2011 / 2012 Alunos Delegados de Turma Pais Delegados de Turma Plano Anual de Atividades Sinais da (Nossa) Presença Exposições Efemérides Página da ESEQ n’O Comércio da Póvoa de Varzim / Campanhas Jornal ECOS Clube 8 e Meio Pen-pals Escritores na ESEQ Leitura Non-Stop Semana da Leitura Palestras Mostra Instituições do Ensino Superior Visitas de Estudo Outras Atividades Torneios Desportivos 60 Anos da ESEQ Síntese PAA Encerramento do Ano Letivo Cerimónia de Entrega dos Diplomas do Quadro de Excelência Fotografias dos Alunos do Quadro de Excelência Lista Alunos do Quadro de Excelência Citações

FICHA TÉCNICA ANUÁRIO 2011/2012 Edição: Escola Secundária Eça de Queirós | Coordenação Editorial: Arnaldo Pedro e Maria Filomena Pacheco | Fotografia (Turmas, Minicongresso e Quadro de Excelência): Rui Sousa/Foto Triângulo | Outras Fotografias: Corpo docente da ESEQ | Paginação: Arnaldo Pedro | Revisão: José Henrique Lima e Maria Filomena Pacheco | Impressão: Minerva Artes Gráficas | Tiragem: 500 exemplares | Abril 2013 ESEQ - Escola Secundária Eça de Queirós Rua Dr. Leonardo Coimbra 4490-621 Póvoa de Varzim www.eseq.pt Telefone: 252 298 490 / Fax: 252 298 499 Depósito Legal: 2 | Anuário ESEQ 2011/2012 ISBN : 978-989-97196-2-0


APRESENTAÇÃO A tradição vai-se fazendo… Mais uma vez, com enorme prazer, a Escola Secundária Eça de Queirós (ESEQ) vem junto da sua Comunidade Educativa apresentar o seu Anuário. Percorrendo as suas páginas olhamos para o retrato do ano letivo 2011/12 e desfrutamos das recordações do que mais importante aconteceu na ESEQ. Revemos os alunos, os pais, os funcionários e os professores e de muita mais gente que, de uma forma ou outra, se associou à vida da nossa escola. Revisitamos as dezenas de atividades que desenvolveram, as quais fizeram pulsar a escola de energia, de vitalidade e entusiasmo, ao longo do ano. Em 2012, o edifício-sede da ESEQ atingiu a bonita idade de 60 anos. Nada de mais emocionante, para recordar tal efeméride, do que ouvir, de viva voz, o testemunho de dois ainda jovens alunos que a frequentaram nos idos da sua inauguração (1952/53), a Conceição Milhazes e o Manuel da Torre, que dela hoje falam com ternurento enlevo e incontido orgulho. Anos mais tarde, o Dr. Manuel da Torre e a Dra. Conceição Milhazes voltaram à sua “casa”, à Escola onde foram felizes enquanto alunos para, já do “outro lado”, se dedicarem ao magistério, o que fizeram com igual ventura e, já agora, extrema competência. Integram o grupo de professores que fizeram o Liceu e têm feito da ESEQ uma escola de sucesso. Neles, para todos os alunos e ex-alunos, uma palavra de agradecimento. E para que a memória nunca se apague, cá fica o Anuário 2011/12… O Diretor José Eduardo Lemos

Anuário ESEQ 2011/2012 | 3


S 4 | Anuรกrio ESEQ 2011/2012


ABERTURA DO ANO LETIVO 2011/2012 PROFESSORES DA ESEQ Um braço vigoroso não é mais aguerrido contra a lança do que um braço frágil. São o carácter e a coragem que fazem o guerreiro. Eurípedes

Anuário ESEQ 2011/2012 | 5


DIREÇÃO

Da esquerda para a direita Diretor José Eduardo Lemos de Sousa Subdiretora Natália Manuela M. R. Pereira Adjunto do Diretor José Henrique Silva Lima Adjunto do Diretor José Manuel Ramos A. dos Santos

PROFESSORES E TÉCNICOS SUPERIORES DEP. CIÊNCIAS SOCIAIS E HUMANAS

DEP. EXPRESSÕES

Adriana Duarte Passos Sousa Ana Maria Rodrigues Melo Machado Arlete Vieira Brito Cláudia Angélica Sousa Teixeira Cristina Maria Vieira Silva Francisco António S. L. Vieira Brito Isabel Cristina Gonçalves Lopes José Alberto Ramos Moreira José Carlos Henriques Silva José Eduardo Lemos Sousa Manuel Fernando Faria Souto Maria Fátima Moutinho Baptista Maria Fernanda Costa Oliveira Maria Fernanda da Silva Duarte Castro Marília Conceição Silva Macieira Nuno Ricardo Paulos Tavares Paula Cristina Martins Carvalho Sara Filipa Silva Susana Maria Carvalho Lopes Pereira Susana Maria Jorge Travassos Galvão Zélia Maria Santos Pereira

Agostinho Manuel Sousa Moreira Alexandra Carvalho Pinto Cruz Ana Maria Campos Vaz Leal Ana Sofia Rebelo Santos António Carlos Boaventura Pinto António César Vilarinho Marques António Leonel Silva Pinto Vale Cunha Arnaldo Pedro Pinto G. Silva Augusta Maria S. R. Ferreira Cândida Maria Barros Leite Célia Cristina C. Ferreira Carmo Machado Isabel Maria Pereira Moreira José Carlos Miranda Grilo Sousa José Júlio Peixoto Silva José Ricardo Neves Rodrigues Luís Marcelino Azevedo N. Viana Maria Fátima Campos Nunes Maria Graça Santos Dinis Maria João Niz Casanova Maria João Santos Sá Araújo Ondina Augusta Carvalho Castro Morim Otília Luciana Pinto Andrade

6 | Anuário ESEQ 2011/2012


DEP. LÍNGUAS Ana Miranda Araújo Passos Ana Paula Braga Morais Mateus André Manuel Ruivo Senos Matias António Ferreira Silva António Jorge Oliveira Guimarães Carla Marília Flores Seixas Corina Pinto Teixeira Dulce Maria Lopes Pontes Caseira Íris Ilda Flores Seixas Isabel Esteves Caldas Ribeiro Isabel Maria Monteiro Meneses Maio José Silva Ferreira José Henrique Silva Lima Luís Filipe Moreira Fonseca Luís Nuno Rosmaninho Neto Luísa Isabel Nova Pereira Margarida Macedo Costa Margarida Pinheiro Costa Almeida Maria Albertina Ramos C. Oliveira Anjo Maria Ângela Silva Grave Maria Assunção Sousa Gomes Maria Conceição Miranda Cruz Maria Dores Festas Rosa Silva Maria Fátima Monteiro M. Guedes Maria Filomena Nunes S. Costa Pacheco Maria Isabel Almeida Costa Maria Isolete Pessoa Miranda Milhazes Natália Manuela Miranda R. Pereira Salete Maria Silva da Macieira Vera Maria dos Santos Luciano

DEP. MATEMÁTICA E CIÊNCIAS EXPERIMENTAIS Alda Maria Gomes Sá Ferreira Alice Fernandes Macedo Brandão Dias Amélia Maria da Silva Pereira Ana Adelaide Fonseca Ramos Ana Cristina Azevedo Machado Oliveira Ana Maria Felgueiras Marques Ana Maria Freitas Quinta Costa

Ana Rosa Cardoso Silva Costa Ana Rosa Rocha Ferreira Angélica Cristina Silveira Vieira Carlos Manuel Pinto Rodrigues Carlos Simões Sousa Baptista Deolinda Rosa M. S. Rodrigues Elsa Maria Flores Duarte Almeida Emília Maria Gomes da C. Subida Filipe Remédios Gomes Graça Maria Hipólito Reis P. Campos Gandra Helena Maria Azevedo Mateus João Manuel Sá Duarte Joaquim Jorge Araújo Sousa Mesquita José Carlos Ferreira Lima José Dias Milheiro José Manuel Ramos A. Santos José Paulo Frasco Sá Sousa Manuel Joaquim Fernandes Rato Margarida Maria Barrosa Monteiro Coelho Maria Alcínia Cerdeira Costa Silva Maria Alexandrina Silva Gonçalves Maria Alice Veloso A. R. Santos Maria Altina Monteiro Santos L. Liberal Maria Augusta Cardoso Maria Helena Baptista Carvalho Silva Maria Helena Ferreira Silva Sá Maria Helena Malheiro Silva Fernandes Maria José Coutinho F. F. Frutuoso Maria José Gomes Sá Trovão Maria Luiza Almeida A. Costa Maria Manuela Pichel Simões Vilarinho Maria Teresa Cristino Ferreira Olga Maria Veloso P. Silva Paula Ressurreição G. Marques Paulo Jorge Maia Campos Paulo Jorge Silva Ferreira Serafim Valdemar N. Von Doellinger Teresa Maria Cunha A. Moreira Vicente Ferreira Santos Craveiro TÉCNICOS SUPERIORES Psicóloga - Conceição Manuela Prisco R. Almeida Assistente Social - Tiago Agostinho T. Pacheco

Anuário ESEQ 2011/2012 | 7


ASSISTENTES

ASSISTENTES OPERACIONAIS Adelino Sá Pedrosa Anabela Morais Serra Ângela Maria Marques Baptista António João Milhazes (CO) Carlos João Maia Silva Deolinda Silva Lopes Jesus Fernando Martins Costa João Manuel Fernandes Graça José António Dias Novais José Manuel Teixeira Silva José Maria Azevedo Mateus Manuel Albino Amorim Figueiredo Manuel José Silva Marques Maria Alice Gonçalves Araújo Maria Ascensão Silva Baptista Pereira Maria Cândida Alves C. Pinto Pedrosa Maria Conceição Fernandes Lourenço Maria Conceição Mariana Santos Maria Conceição Pacheco Camões Maria Dores Marques Costa Maria Dores Pereira Alves Maria Dores Santos Graça Ferreira Maria Emília Lopes Sousa M. Gaspar Maria Fátima Oliveira Silva Nunes Maria Isabel Júlio Nova Silva Maria Leonor G. Marques Silva Maria Lucinda Santos Ferreira Maria Lurdes Domingues Cruz Normando Silva Bastos Rosa Maria Almeida Sousa Rosa Maria Gomes Moreira da Costa Teresa Maria Martins Vieira Santos

ASSISTENTES TÉCNICOS Ana Paula Real Serra Ferreira António Augusto Tavares Preto Cristina Maria Fonseca Leite Pina Florisa Maria Martins Garrido João Paulo Ponte Martins Maria Elisabete Capela Crespo Meneses Maria Céu Lemos Silva Maria Conceição M. Nunes Brito (CT) Maria Elisabete Coelho Lopes Maria Fátima Oliveira Silva Azurara

OUTROS COLABORADORES Contrato emprego-inserção (IEFP) Fátima Isabel Gonçalves Lourenço Emília Paula Oliveira Leite Maria Goreti Araújo Azevedo Cunha

8 | Anuário ESEQ 2011/2012


ÓRGÃOS DE ADMINISTRAÇÃO e GESTÃO MEMBROS DA DIREÇÃO Diretor

José Eduardo Lemos de Sousa

Subdiretora

Natália Manuela Miranda Rodrigues Pereira

Adjunto do Diretor

José Manuel Ramos Antunes dos Santos

Adjunto do Diretor

José Henrique Silva Lima

MEMBROS DO CONSELHO ADMINISTRATIVO Presidente

José Eduardo Lemos de Sousa

Diretor

Vice-Presidente

Natália Manuela Miranda Rodrigues Pereira

Subdiretora

Secretária

Maria Conceição Machado Nunes Brito

Coordenadora Técnica

MEMBROS DO CONSELHO PEDAGÓGICO Presidente Diretor

José Eduardo Lemos de Sousa

Coordenadores Departamento Curricular Matemática e Ciências Experimentais

Graça Maria Hipólito Reis Pedrosa Campos

Expressões

Augusta Maria Santos R. Ferreira

Línguas

Maria Filomena N. Soares da Costa Pacheco

Ciências Sociais e Humanas

Manuel Fernando Faria Souto

Coordenadores das Estruturas de Apoio e Orientação Núcleo de Projetos e Atividades

Maria Luiza A. Alves da Costa

Direção do Curso Técnico Profissional

Carlos Simões Sousa Baptista

Serviços de Psicologia e Orientação

Conceição Manuela Prisco R. Almeida

Núcleo de Apoio Educativo

Maria Fátima Monteiro M. Guedes

Diretores de Turma do Ensino Secundário

Maria Albertina Ramos C. Oliveira Anjo

Diretores de Turma do Ensino Básico

Margarida Pinheiro da Costa Almeida

Representantes da Comunidade Escolar Representante do Pessoal Não Docente

Maria Leonor Marques Silva

Representante da Associação de Pais

Isabel Maria Marques Torrão

Representantes dos Alunos

Miguel Braga Sampaio de Sá Peliteiro - 11.º B Miguel Ângelo Ferreira Castro - 10.º O

Anuário ESEQ 2011/2012 | 9


MEMBROS DO CONSELHO GERAL I – REPRESENTANTES DO PESSOAL DOCENTE

IV – REPRESENTANTES dos PAIS e ENCARREGADOS DE EDUCAÇÃO

REPRESENTANTES EFETIVOS António Ferreira da Silva

NOMES dos REPRESENTANTES EFETIVOS

Alda Maria Gomes Sá Ferreira

Carlos Alberto Flores Morim

José Carlos Henriques Silva

Adriano José Fernandes Silva

Maria Helena Ferreira Silva Sá

Carla Marina Rosária Canossa Pereira

Paulo Jorge Maia Campos

Isac António M. R. Moreira

José Carlos Sousa Ana Rosa Cardoso Silva Costa Maria Ângela da Silva Grave

II – REPRESENTANTES DO PESSOAL NÃO DOCENTE

V – REPRESENTANTES DO MUNICÍPIO REPRESENTANTES EFETIVOS Luís Diamantino Carvalho Batista (Vereador do Pelouro da Educação) António José Ramalho C. Ferreira

REPRESENTANTES EFETIVOS Carlos João Maia da Silva

Maria Mabilde G. Pinto

VI – REPRESENTANTES DA COMUNIDADE LOCAL

Manuel da Silva Marques REPRESENTANTES EFETIVOS

III – REPRESENTANTES dos ALUNOS REPRESENTANTES EFETIVOS João de Sá Peliteiro Tomé Coutinho - 11.º C

Manuel Costa (Diretor da Biblioteca Municipal da Póvoa de Varzim) Alice João Ramires dos Reis Maia (Delegada de Saúde da Póvoa de Varzim) Juan Vaz Teixeira Gil (Representante da Escola Superior de Estudos Industriais e de Gestão)

VII – DIRETOR DA ESEQ

S 10 | Anuário ESEQ 2011/2012

José Eduardo Sousa de Lemos (Participa nas reuniões sem direito a voto)


ASSOCIAÇÃO DE PAIS E ENCARREGADOS DE EDUCAÇÃO

ASSOCIAÇÃO DE ESTUDANTES

ASSEMBLEIA GERAL

MESA DA ASSEMBLEIA GERAL

Presidente Adriano José Fernandes Silva Vice-Presidente Fernando José Lima Novo 1.º Secretário Ernesto J. F. Carvalho 2.º Secretário António Silva Santos 1.º Vogal Alberto Magalhães Ribeiro 2.º Vogal Carlos Alberto Martins da Costa

Presidente Marta Filipa Vieira Ferreira Vice-Presidente Pedro de Sousa Delgado Goiana Mesquita Secretário José Augusto Couto Graça

DIREÇÃO Presidente Carlos Manuel Ferreira Guedes Vice-Presidente Isabel Maria Marques Torrão Tesoureiro Carla Marina R. Canossa Pereira Secretário Maria Fernanda Gomes Sá Trovão Secretário Adjunto Ermelinda Martins Regufe 1.º Vogal Maria Amélia Ribeiro Viana mendes 2.º Vogal Júlio Idílio de Sousa Guerra

CONSELHO FISCAL Presidente Carlos Alberto Veiga Veríssimo Relator Maria Graça Gonçalves F. R. Barbosa 1.º Vogal Maria de Fátima C. Reis Macieira

DIREÇÃO Presidente Fernando José Lazera Ferreira Vice-Presidente Catarina Maria Ferreira Gomes Marafona Secretário Pedro Miguel Fonseca Pereira Secretário Constança Maria Barroso Miranda de Almeida Tesoureira Raquel Lemos Pimenta Ribeiro Vogal Edgar Ferreira Matos Moreira Vogal Rafael Filipe Alves Marques

CONSELHO FISCAL Presidente Ana Luísa Vasconcelos da Silva Secretária Ana Isabel Alves de Carvalho Secretária Maria Vasconcelos Marques Carvalho

Anuário ESEQ 2011/2012 | 11


12 | Anuário ESEQ 2011/2012 62.972,90

POPH

SASE

TOTAL DA RECEITA

Importâncias recebidas do Estado

Importâncias recebidas-outras entidades

286.349,75

1.876.700,00

10.920,85

112.313,80

19.279,26

CAPITAL

Receitas da ESEQ de 01/01/2011 a 31/12/2011

48.543,54

4.605,41

129.053,00

CORRENTES

Dotações com Compensação em Receita

CAPITAL

CORRENTES

PESSOAL

Orçamento do Estado 4.711.235,05

36.160,57

SASE

Imposto Selo

36.209,68

PARCIAL

7.334.343,81

286.349,75

1.876.700,00

123.234,65

130.795,70

133.658,41

4.844.893,46

72.370,25

TOTAL

IMPORTÂNCIAS (em euros)

Dotações com Compensação em Receita

Dotações O. E.

Saldo da Gerência Anterior

RECEITA

TOTAL DA DESPESA

3.048,77

18.271,78

SASE

56.667,82

Receitas a entregar ao Estado em 2012

0,00

94.042,02

283.300,98

1.793.789,92

10.920,85

38.729,92

11.752,00

23.645,96

4.605,41

129.053,00

4.711.235,05

PARCIAL

7.334.343,81

74.939,60

77.988,37

7.256.355,44

94.042,02

283.300,98

1.876.700,00

10.920,85

74.127,88

133.658,41

4.844.893,46

72.370,25

TOTAL

IMPORTÂNCIAS (em euros)

Dotações com Compensação em Receita

Orçamento do Estado (vencimentos)

SALDO PARA A GERÊNCIA SEGUINTE

DESPESA

Receitas entregues ao Estado 2011

SASE

Imp. entregues ao Estado

Imp. entregues outras entidades/Estado

POPH

CAPITAL

CORRENTES

Dotações com Compensação em Receita

CAPITAL

CORRENTES

PESSOAL

Saldo da Gerência Anterior entregue ao Estado Orçamento do Estado

DESPESA

MAPA RESUMO DA CONTA DE GERÊNCIA DA ESEQ - 2011 (01/01/2011 a 31/12/2011)


OFERTA EDUCATIVA 2011/2012 ENSINO REGULAR 7.º Ano

Básico Regular

8.º Ano

Básico Regular

10.º Ano

Sec. Científico-Humanístico

11.º Ano

Sec. Científico-Humanístico

12.º Ano

Sec. Científico-Humanístico

ENSINO PROFISSIONAL 1.º Ano

Técnico de Multimédia

2.º Ano

Técnico de Multimédia

3.º Ano

Técnico de Multimédia

CARACTERIZAÇÃO DAS TURMAS DO ENSINO SECUNDÁRIO

12.º ANO

11.º ANO

10.º ANO

CURSO

N.º DE TURMAS

TURMAS

Científico-Humanístico de Ciências e Tecnologias

8

A, B, C, D, E, F, G, H

Científico-Humanístico de Artes Visuais

2

I, J

Científico-Humanístico de Ciências Socioeconómicas

2

K, L

Científico-Humanístico de Línguas e Humanidades

3

M, N, O

Profissional Técnico de Multimédia

1

P

CURSO

N.º DE TURMAS

TURMAS

Científico-Humanístico de Ciências e Tecnologias

8

A, B, C, D, E, F, G, H

Científico-Humanístico de Artes Visuais

2

I, J

Científico-Humanístico de Ciências Socioeconómicas

1

K

Científico-Humanístico de Ciências Sociais e Humanas

3

L, M, N

Profissional Técnico de Multimédia

1

O, P

CURSO

N.º DE TURMAS

TURMAS

Científico-Humanístico de Ciências e Tecnologias

7

A, B, C, D, E, F, G

Científico-Humanístico de Artes Visuais

2

H, I

Científico-Humanístico de Ciências Socioeconómicas

1

J

Científico-Humanístico de Ciências Sociais e Humanas

2

K, L

Profissional Técnico de Multimédia

1

M

CARACTERIZAÇÃO DAS TURMAS DO ENSINO BÁSICO ANO CURRICULAR

N.º DE TURMAS

TURMAS

7.º Ano

1

A

8.º Ano

1

A

Anuário ESEQ 2011/2012 | 13


14 | Anuário ESEQ 2011/2012 304 1120 1173

12.º Ano

Total Secundário TOTAL

732

680

318

362

52

26

26

Transitou

38

38

19

19

0

Não Transitou

228

228

214

14

0

Concluiu

71

71

71

0

Não Concluiu

35

34

13

10

8

1

2

1

1

Anulou Matrícula

ANO LETIVO DE 2011/2012

Nota 1: A taxa de Retenção/Desistência foi calculada considerando as exclusões/retenções por excesso de faltas e as anulações de matrícula, em conformidade com o critério seguido pelo GEPE (Gabinete de Estatística e Planeamento da Educação)

350

11.º Ano

14

3.º Ano 397

30

2.º Ano

53

Total Básico 25

26

8.º Ano

1.º Ano

27

7.ºAno

Total de Alunos

10.º Ano

Profissional Técnico de Multimédia

Secundário

Científico Humanístico

Regular

Básico

Ensino/Modalidade/Ano ou Tipo

I – APROVAÇÃO / RETENÇÃO

RESULTADOS ESCOLARES 2011/2012

17

17

6

3

8

0

Transferido

52

52

29

23

0

Em Processo de Avaliação

9,7%

9.6%

24,9%

5,6%

5,0%

0,0%

22,2%

0,0%

0,0%

0,0%

0,0%

Taxa de Retenção/ Desistência

90,3%

94%

75,1%

94%

95%

100%

100%

100%

100%

100%

100%

Taxa de Transição / Aprovação


2 – APOIO PEDAGÓGICO ACRESCIDO Número de frequências em aulas de Apoio Pedagógico Acrescido

Percentagem de alunos que melhoraram os resultados escolares

371

61%

2011/2012

3 – RESULTADOS dos EXAMES NACIONAIS DO ENSINO SECUNDÁRIO Média dos Exames Nacionais - Alunos Internos - 2012 Código

Disciplinas

Número de provas

Média ESEQ

Média Nacional

Diferença

702

Biologia / Geologia

160

106

98

0,8

706

Desenho A

34

139

123

1,6

708

Geometria Descritiva A

55

88

107

-1,9

712

Economia A

16

133

117

1,6

714

Filosofia

3

79

89

-1

715

Física e Química A

158

102

81

2,1

719

Geografia A

81

95

107

-1,2

623

História A

47

121

118

0,3

724

Hist. e Cultura das Artes

22

106

109

-0,3

734

Literatura Portuguesa

9

137

109

2,8

635

Matemática A

171

108

104

0,4

735

Matemática B

17

78

88

-1

835

MACS

11

134

106

2,8

639

Português

257

103

104

-0,1

547

Espanhol

55

132

134

-0,2

847

Espanhol Cont.

9

180

138

4,2

839

PLNM int.

2

170

143

2,7

118

110

0,8

Anuário ESEQ 2011/2012 | 15


4 – ABANDONO ESCOLAR 2011/2012 Modalidade de Ensino

Anulação de Matrícula

7.º Ano

Básico Regular

1

8.º Ano

Básico Regular

0 Total Ensino Básico

1

1.º Ano

Profissional de Multimédia

2

2.º Ano

Profissional de Multimédia

1

3.º Ano

Profissional de Multimédia

0

10.º Ano

Sec. Científico-Humanísticos

8

11.º Ano

Sec. Científico-Humanísticos

10

12.º Ano

Sec. Científico-Humanísticos

13

Ensino Secundário

34

TOTAL

35

Total de alunos matriculados (Excluídas as transferências) Taxa de desistência

3%

5 – NÚMERO DE ALUNOS DO QUADRO DE VALOR e EXCELÊNCIA 2011/2012 7.º Ano

2

8.º Ano

3

10.º Ano

33

11.º Ano

36

12.º Ano

44

TOTAL

118

Total de alunos

1156

Taxa de integração no QVE

10%

16 | Anuário ESEQ 2011/2012

1156


FOTOGRAFIAS DAS TURMAS Nasci da água ou do vento, pouco importa. Mal acordo, bebo o sumo da aurora, a água que sobra das estrelas. A minha casa é uma árvore gigante, cercada de verde até onde a floresta acaba e o céu começa. As palavras que digo dão corpo às coisas que penso, e o que penso é uma vontade grande de não ver morrer a planta, o rio, a ave, a memória branca que há dentro das pedras. José Jorge Letria, Uma Viagem no Verde

Anuário ESEQ 2011/2012 | 17


Quando cheguei à ESEQ, nervoso, o

Na ESEQ encontrei uma nova realidade,

onde tudo o que aprendemos tem uma

ambiente acolhedor e saudável mudou

uma nova forma de pensar, de aprender,

finalidade mais ampla do que imagina-

o meu estado de espírito. Nesta escola

de viver. A ESEQ, a monumental e majes-

mos. Na ESEQ crescemos como estu-

aprendi a respeitar, a ser solidário, a ser

tosa fachada, estes longos corredores,

dantes e como pessoas, encontramos

feliz… Nunca esquecerei o meu percur-

estas formosas escadarias e, sobretudo

um rumo e traçamos a nossa persona-

so porque acima de tudo adquiri conhe-

estes excelentes professores, funcioná-

lidade futura. É a nossa segunda casa e

cimento suficiente para ser melhor!

rios e colegas que vão ficar para sempre

é importante porque o que a define não

na minha memória. Com eles aprendi

são apenas as suas salas, quadros e cor-

novos valores, aprendizagens e princí-

redores mas os alunos, os professores e

Na ESEQ conheci pessoas que neste mo-

pios que me ajudarão, no futuro a ser

funcionários que a torna mágica e única

mento têm um papel importantíssimo

um melhor ser humano. Só me resta di-

e que nos fará, sempre, querer regressar.

na minha vida, cresci enquanto aluno e

zer, obrigado ESEQ!

Diogo Mendes 8.º A

enquanto cidadão. Desenvolvi inúmeros

Ana Luísa Fernando 11.º L Hugo Torres 11º A

projetos, aprendi a ultrapassar os obs-

Cada momento proporcionado pela

táculos mais difíceis, fui bem-sucedido

Na ESEQ somos como palavras. Os cor-

ESEQ foi nostálgico e marcante. A inte-

a nível escolar, vivi em harmonia e feliz

redores repletos de rostos constroem

gração e o relacionamento com toda a

nesta escola que tanto me ensina.

as letras que nos moldam, o primeiro

comunidade escolar contribuíram para

rabisco. As salas, onde a inteligência

o meu crescimento, não só como alu-

flui, limam as arestas dos alunos aluados

na mas também como pessoa e surgiu

Alegria, muito trabalho, e grandes opor-

e de outros aplicados. A pilha de livros

como uma consolidação dos meus obje-

tunidades. A ESEQ proporcionou-me

que se gasta com as horas preciosas,

tivos e metas.

estes momentos. Aqui iniciei a prepara-

vivem nas batidas que cada letra sofre.

Todos estes pormenores tornaram-me

ção do meu futuro, desenvolvi grandes

Por fim, a luta, o esforço e as vivências

um ser humano realizado e preparado

amizades com todos, desde os colegas

de primaveras que dão cor às palavras

para enfrentar os obstáculos que pos-

aos professores e funcionários. Foram

que nos definem, dão um último abraço

sam surgir ao longo da vida.

muitos os desafios, muitos também os

e libertam-nos. Esta é a passagem de um

momentos felizes e de aprendizagem.

estudante incógnito pela ESEQ.

Alexandre Galiza 8.º A

Paula Oliveira 12.º E

Diogo Duarte 8.º A

Ana Carolina Pinto 11.º E

Da ESEQ guardo memórias de horas hi-

A maior parte de nós, alunos da ESEQ,

a nível pessoal como escolar. A relação

lariantes passadas com os meus colegas,

tem familiares ou amigos próximos

com os professores, funcionários e cole-

da simpatia dos funcionários e da pron-

que antes de nós, por cá passaram. Isto

gas torna esta escola um local ideal para

tidão dos professores.

influenciou-me para ser aluno desta es-

a progressão de qualquer aluno empe-

cola. e agora que já o sou, posso dar o

nhado na sua formação.

testemunho por pertencer a este grupo

Aqui podemos encontrar um futuro

No dia em que entrei na ESEQ iniciei

magnífico. Desde os professores aos fun-

promissor, rodeado de oportunidades e

uma nova etapa na minha vida. Ape-

cionários, todos eles marcantes e que se

emoções que nos fazem crescer.

sar da adaptação ao edifício e às novas

tornaram verdadeiros amigos. As pesso-

avaliações e provas escolares, as boas

as com quem convivi, os amigos que fiz

expectativas que tinha eram justifica-

ficarão para toda a vida. Encontrei gente

A ESEQ contribui decisivamente para a

das e, por esse motivo, posso dizer que

acolhedora, simpática e espetacular.

minha vida académica em todos os as-

o meu primeiro ano nesta escola foi, de

João António Faria e Silva 11.º L

petos. Aqui tomei consciência da impor-

A passagem pela ESEQ foi, sem dúvida, essencial para a minha evolução, tanto

Ana Catarina Assunção 10.º C

facto, uma experiência que guardarei na memória. Carla Petronilo Santos 10.º C

tância do estudo na minha vida futura. Nunca devemos encarar a escola como

Aprendi que, por vezes, temos que pas-

um mero lugar onde lemos, escrevemos

sar por sacrifícios para atingirmos os

e ouvimos, mas sim como um ponto

nossos objetivos.

marcante e integrante da nossa vida, 18 | Anuário ESEQ 2011/2012

Tatiana Ganhão 12.º J

Raquel Ribeiro 12.º E


TURMA 7.ยบ A

TURMA 8.ยบ A

Anuรกrio ESEQ 2011/2012 | 19


TURMA 10.ยบ A

TURMA 10.ยบ B

20 | Anuรกrio ESEQ 2011/2012


TURMA 10.ยบ C

TURMA 10.ยบ D

Anuรกrio ESEQ 2011/2012 | 21


TURMA 10.ยบ E

TURMA 10.ยบ F

22 | Anuรกrio ESEQ 2011/2012


TURMA 10.ยบ G

TURMA 10.ยบ H

Anuรกrio ESEQ 2011/2012 | 23


TURMA 10.ยบ I

TURMA 10.ยบ J

24 | Anuรกrio ESEQ 2011/2012


TURMA 10.ยบ K

TURMA 10.ยบ L

Anuรกrio ESEQ 2011/2012 | 25


TURMA 10.ยบ M

TURMA 10.ยบ N

26 | Anuรกrio ESEQ 2011/2012


TURMA 10.ยบ O

TURMA 10.ยบ P

Anuรกrio ESEQ 2011/2012 | 27


TURMA 11.ยบ A

TURMA 11.ยบ B

28 | Anuรกrio ESEQ 2011/2012


TURMA 11.ยบ C

TURMA 11.ยบ D

Anuรกrio ESEQ 2011/2012 | 29


TURMA 11.ยบ E

TURMA 11.ยบ F

30 | Anuรกrio ESEQ 2011/2012


TURMA 11.ยบ G

TURMA 11.ยบ H

Anuรกrio ESEQ 2011/2012 | 31


TURMA 11.ยบ I

TURMA 11.ยบ J

32 | Anuรกrio ESEQ 2011/2012


TURMA 11.ยบ K

TURMA 11.ยบ L

Anuรกrio ESEQ 2011/2012 | 33


TURMA 11.ยบ M

TURMA 11.ยบ N

34 | Anuรกrio ESEQ 2011/2012


TURMA 11.ยบ O

TURMA 11.ยบ P

Anuรกrio ESEQ 2011/2012 | 35


TURMA 12.ยบ A

TURMA 12.ยบ B

36 | Anuรกrio ESEQ 2011/2012


TURMA 12.ยบ C

TURMA 12.ยบ D

Anuรกrio ESEQ 2011/2012 | 37


TURMA 12.ยบ E

TURMA 12.ยบ F

38 | Anuรกrio ESEQ 2011/2012


TURMA 12.ยบ G

TURMA 12.ยบ H

Anuรกrio ESEQ 2011/2012 | 39


TURMA 12.ยบ I

TURMA 12.ยบ J

40 | Anuรกrio ESEQ 2011/2012


TURMA 12.ยบ K

TURMA 12.ยบ L

Anuรกrio ESEQ 2011/2012 | 41


TURMA 12.º M

DIRETORES DE TURMA 7.º A 8.º A 10.º A 10.º B 10.º C 10.º D 10.º E 10.º F 10.º G 10.º H 10.º I 10.º J 10.º K 10.º L 10.º M 10.º N

Vicente Craveiro Margarida C. Almeida Albertina Anjo José Paulo Sousa Jorge Mesquita Fátima Guedes Íris Seixas Alice Dias Ana Santos Manuela Vilarinho Isabel Moreira Célia Machado Ana Rosa Cardoso Sara Silva Cristina Silva Maria Isabel Costa

42 | Anuário ESEQ 2011/2012

10.º O 10.º P 11.º A 11.º B 11.º C 11.º D 11.º E 11.º F 11.º G 11.º H 11.º I 11.º J 11.º K 11.º L 11.º M 11.º N

Margarida Costa Almeida António Pinto Olga Veloso Zélia Pereira José Carlos Silva Altina Liberal Deolinda Rodrigues Deolinda Rodrigues Carlos Rodrigues Luísa Pereira Maria João Araújo Alexandra Neiva Cristina Silva Fernanda Duarte Conceição Cruz Dulce Caseira

11.º O 11.º P 12.º A 12.º B 12.º C 12.º D 12.º E 12.º F 12.º G 12.º H 12.º I 12.º J 12.º K 12.º L 12.º M

Leonel Cunha Carla Seixas Ângela Grave Ricardo Rodrigues Júlio Silva António César Marques Augusta Ferreira Maria José Frutuoso Augusta Ferreira José Carlos Sousa Ângela Grave José Carlos Sousa José Alberto Moreira Ricardo Rodrigues Paulo Jorge Ferreira


TURMAS 2011/2012 7.º A Adriana Valentim Serra Alexandra Carvalho Costa Ana Margarida de Sousa Marques Ana Patrícia Rajão Coelho Ana Sofia Flores Fontes André Monteiro Pereira Bianca Lima Lopes Bruna Filipa Lopes Vasconcelos Daniela Filipa e Silva Quaresma Eva Isabel Eiró Vasconcelos Francisco Miguel Pateiro Silva Inês Alexandra Pereira Veríssimo Inês Fangueiro Faria Inês Gomes Carvalho Joana Catarina Campos Faria João Pedro Serra Seara Jorge Rajão Viana José Miguel Monteiro Almeida José Pedro Trocado Lopes Mariana Costa Cunha Correia de Almada Mariana Félix Brandão Nuno Pinheira Felix Pedro Lopes de Castro Pedro Silva Marques Sara Filipa de Andrade Guimarães Sofia Coelho dos Santos Sofia Tomé da Silva 8.º A Alexandre Pinto Rodrigues Galiza Sousa Ana Carolina Torres Lagoela Ana Claudia Berenguel Silva Andre Tiago Gonçalves Sá Rodrigues Beatriz Ferreira da Mota Freitas Beatriz Marques Mões Carlos Eduardo da Nova Duarte Catarina Nicolau de Sá Ferreira Claudio Severino Pimenta Gonçalves Diogo Jorge Duarte Almeida Pereira Diogo Rafael Amorim Mendes Eduarda Maria Gomes da Costa Barreirinho Elisa Stuart Proença Themudo Gilman Francisca Silva Fontes Guilherme Gomes Peixoto de Sousa Baptista Inês de Freitas Pessoa Briote Joana Gomes Castelâo Lino Joana Maria Barroso Mateus João Carlos Cardoso da Costa Mendes João Nuno Silva de Sá Mariana Laundos Pinheira dos Santos Marta Filipa Lazera Andre Nuno Miguel Silva Campos Sara de Freitas Pessoa Briote Telmo da Costa Cunha Tiago Miguel Rajão Serra 10.º A Ana Francisca Faria Ramos Ana Luisa Ribeiro Marques Andreia Filipa Araújo da Silva Bruna Sofia Neiva Areias da Nova Daniel José da Silva Rajão

Diana da Silva Rodrigues Eduardo Miranda Abraão Hélder Ricardo Santos Oliveira Hugo Alexandre Ramos Claudio Hugo Cristiano Rajão Vitó Inês Costa e Silva Ribeiro Joana Isabel Marques dos Santos João Pedro Amorim Ferreira Rodrigues João Pedro da Costa Gamboa João Pedro Neves Diniz Luís Daniel Ramos Arteiro Márcia Martins Marafona Maria Aurora Ferreira Regufe Maria Cecília Agra Gavina Maria Machado Melo Marta Beatriz Pereira Fernandes Nuno Miguel Pinto Rocha Pedro Fortunato Oliveira Tiago Alexandre de Faria Bouçon Tiago Marques Vilaça Vítor Emanuel Sousa Pessanha 10.º B Afonso José Freitas P. Pratinha de Araújo Agnés da Cruz Carvalho Ana Beatriz de Castro Nunes Ana Catarina dos Santos Carvalho Ana Margarida de Carvalho Cascão Maçães André Ferreira Correia André Filipe Maio Lemos André Reis de Sousa Andreia Filipa Magalhães Santos Bruno Cláudio Vieira Nunes Cátia Ramos Costa Claudia Patrícia de Sousa Vieira Diana Fonte Boa de Castro Diana Rosa Eusébio Ferreira Filipa dos Santos Araújo Filipa Silva Torres Filipe Augusto Pinheiro Ladeira Inês de Sousa Leite Inês Fontes Correia Inês Lordelo Correia Joana Beatriz Cardoso Madalena Alexandra Ferreira da Silva Nádia Alexandra Azevedo Albano Pedro Miguel Carvalho Rodrigues do Vale Renata Isabel Marques da Silva Rita Brites Costa Maia Rita Silva Bravo Lima Sérgio Eduardo da Costa Igreja 10.º C Adriana Galante Rodrigues Marinho Marques Ana Catarina Castro Leite Ana Catarina Morais Martins Teixeira Ana Catarina Oliveira Assunção Ana Isabel Regado Vaz Andreia Sampaio Pereira da Costa Carla Petronilho Nunes dos Santos Catarina Andreia da Silva Moreira Filipe Emanuel Brito da Silva Inês Maria Ferraz Viana José Carlos Lobo Espanhol

José Pedro da Silva Sá José Pedro Morim Neto Juliana Rajão Guerra Luís Carlos Santos Gomes Adrião Maria Inês Agonia Ferreira Maria João Sá Trovão Oura Mariana Reis Macieira Martim Maio Benta Ferreira de Freitas Miguel Ângelo Azevedo Correia Miguel Francisco Milhazes Araújo Nuno Miguel Nunes Guerra Gomes Ricardo Correia Arantes Rodrigo Rodrigues Faria Rui Dinis Alves Duarte Azevedo Rute Luís de Almeida Mateus 10.º D Ana Catarina Dias Seabra dos Santos Ana Sofia Touguinha Machado André Alirio Vieira dos Santos Bárbara Gonçalves da Silva Gomes Daniel Augusto Peixoto Sezardo Braga Daniela Ferreira Carneiro Fábio Miguel da Cunha Lima Pereira Fábio Neves Correia Filipe Manuel de Pinho Brandão Gabriela Ferreira Tavares Helena Isabel Moura Ferreira Hugo Filipe Ferreira Oliveira Inês Freitas de Oliveira Inês Sequeira Braga Montenegro Jeremy Jason Faria de Almeida João Bernardo Peixoto da Silva José Diogo Baptista Garrido Andrade José Pedro Suárez de Oliviera Casanova Lara Filipa Nunes e Santos Magda da Costa Azevedo Manuel António Milheiro Fonseca Patrícia Alexandra Marques Rodrigues Paula Cristina Barros Ferreira Ricardo António Ferreira Moninhas Rodrigues Rita Maria Martins Mendes Rita Pontes Caseira Morais Silva Tiago Manuel Medeiros Furtado 10.º E Adriana Cristina Amorim Mesquita Ana Rita Vermelho Carvalho André Filipe Lino Furtado André Filipe Ramos Vieira Beatriz Nipo de Sá Moreira Bruno Alexandre Morim Correia Catarina Lopes Alves Catarina Mourão Rebelo Daniel Aldeias Ribeiro Eduardo Santos Costa Eva Silva Lopes Filipe Avidos Brenha Gonçalo Sá Rodrigues Guilherme Figueiredo Machado da Silva Jéssica Terroso Couto João Carlos Pinto Alves da Costa João José Lopes Marques Pinho Jorge Miguel Nogueira Casanova

Anuário ESEQ 2011/2012 | 43


José Miguel Simões da Silva Juliana Araújo da Silva Mara Filipa da Costa Terroso Maria Brás Bouçanova Maria João Cunha Folhadela de Melo Maria João da Costa e Silva Oliveira Samúdio Marta Vila Pinto Alves Paulo Miguel Pereira dos Santos Rui Jorge Veiga Mariz Susana Filipa Pato dos Santos Claro 10.º F Alex Duarte Gomes Carvalho Ana Catarina da Silva Araújo Ana Catarina Gomes Ferreira Ana Catarina Martins Ferreira Ana Filipa Amorim Fonseca Ana Paula Torres Morim Cátia Figueiredo Molho Claúdio Filipe da Costa Milhazes Daniela Miranda Santos Diogo Marques Neiva Gonçalo Lima Pereira Pimenta Gonçalo Manuel Araújo Luís Guilherme Coelho dos Santos Juliana Moninhas Moreira da Silva Márcia Filipa Viana Moreira Mariana Duque Flores de Oliveira Marta Silva Santos Nuno Filipe Marques Bouçanova Nuno Miguel Faria Costa Paula Cristina Junqueira do Alto Pedro Miguel Machado Sousa Pedro Miguel Ramos Neves Ricardo Santos Rosmaninho Rui Jaime Pereira Moreira Sónia da Silva Lopes Sónia Raquel Amorim do Corgo Tiago Costa Moreira Tiago Miguel Carvalho da Costa Tiffany Gomes Alves 10.º G Adriana Sá da Costa Alexandre José da Conceição Moura André Alexandre Lopes Gonçalves André Filipe Araújo Pereira de Sousa André Miguel Santos Gonçalves Beatriz Laranjeira Sousa da Silva Bruno Miguel Alves Silva Carlos Daniel Viana Salgado Cristina Maria Coelho Tomé Diogo Manuel Vilar de Oliveira Filipa Manuela Carvalho Santos Francisca Andrade Silva Lopes Gonçalo Botelho Rodrigues Joana Marisa Maranha Ribeiro João Gonçalo Chaira Oliveira e Cunha Joaquim António Viana Mendes José Carlos Novo do Amaral José Miguel Neves Bernardo Lucas Emanuel de Oliveira Luís Manuel Silva Bacelo Miguel Campos Pinto Coelho Aguiar Nuno André Sousa Miranda Rui Filipe Ribeiro Graça Simão Segurilho da Silva Solange Alves Moreira Tânia Andreia Petejo Serra Tiago Alexandre Barcelos Monteiro

44 | Anuário ESEQ 2011/2012

10.º H Alexandre Haas Guedes Ana Luísa Moreira Marques Ana Patrícia Cruz da Silva André Martins Carvalho Andreia Marques Pereira Bruno Miguel Maio Oliveira Carlos Guilherme Ribeiro Guedes Catarina Pinto Gonçalves Cátia Patrícia Faria da Silva Diogo Santos Sousa Filipa Maria Marques Torrão Dionísio de Sousa Filipe Miguel Azevedo Nogueira Joana Raquel Magalhães Malta João Carlos Faria Padrão João Manuel Santos Leite José Pedro da Silva Leites Márcia Juliana Moreira da Silva Maria Vasconcelos Arteiro Miguel Lopes Dias Patrícia Morim Moreira Patrícia Rafaela Eiras da Silva Ricardo Emanuel Praia Silva Silvia Maria da Silva Calado Sónia Filipa Batista Miranda 10.º I Ana do Carmo Duque Martins Bastos Ana Filipa Costa Faria Ana Maria de Azevedo Calçada Ana Rita da Costa Sá Fonseca Ana Rita Moreira Teixeira Ana Sofia Pereira Veríssimo Andre Miguel Trocado dos Santos António Maria da Cunha Correia Santos Lopes Athila Cibelle Franco Rebello de Mattos Bárbara Isabel Marques dos Santos Bárbara Vieira Carvalho de Vasconcelos Catarina da Costa Figueiredo Catarina Maria Torres Adonias Eduardo Barros da Costa Ferreira Filipe Matias Sá Jessica Rabaldo Andrade João André Camelo Teixeira João Pedro Freitas Pereira Jorge Linhares Moreira Pinto de Oliveira Maria João Postiga da Silva Miguel Ângelo Feiteira Seabra Mónica Alexandra Ribeiro Ferreira Rafaela Lima Costa Renata Vanessa da Costa Lourenço Rita Luís de Almeida Mateus 10.º J Adriana Amorim Martins Adriana Fontes Miranda Ana Catarina Maravalhas Vareiro Ana Catarina Pinto Gomes Ana Rita Ferreira dos Santos Ana Vítoria Ferreira Penetra Menezes e Castro André Cruz de Lemos Andreia Sofia Igreja Barros Anthony Miguel Eusébio da Silva Catarina Alexandra Pires Faria Cátia Rodrigues Neves Cristiana Alves da Costa Daniel Philippe Eusébio da Silva Daniela Filipa Sá Brito David Salgado Torres Rosmaninho Denile Even Bender de Souza Diogo Alexandre Serrano Barros Inês Bompastor das Neves Joana Teresa Maia dos Santos Costa

João Manuel Ribeiro da Silva Luís Carlos Finisterra do Manco Márcia Filipa Azevedo Martins Renata Nunes Alexandre Teresa Alexandra Nova Lima Tiago Filipe da Silva Pereira 10.º K Ana Catarina Gomes Peixoto de Sousa Baptista Ana Rita Ramos Jóia Mendes Cardoso António Joaquim Vilas Boas Guimarães Silva António Luís S. da Costa Mendonça Cantinha Carlos Abel Ferreira Brioso Catarina da Cruz Peixoto Cátia Sofia Boucinha Miranda Daniel Matias da Silva Fernandes Diana Catarina Valente da Silva Eduardo José Alves Simões Elisabete Alexandra Simões Carvalho Filipa Adriana da Silva Pascoal Gil Ferraz Maio Gomes Gonçalo Goiana Mesquita Nunes Martins Helena Campos Gomes Jéssica Sousa Filipe João Miguel Santos Falcão Touguinha Castro Jorge Manuel Brás Pereira Luís Alberto de Lima Maio Gomes Maria Amorim Carvalho da Costa Ricardo José Almeida da Silva Tânia Alexandra Parreira Brandão 10.º L Abraão Sá Gomes Ana Rita Cascão Novo Bruno Miguel Fernandes da Silva Campos Carina Sá Lopes Barros Carlos Manuel Padinha Brito Monteiro Pinto Celina Manuela Amorim Magalhães Cristiano Miguel Sá Monteiro Diogo da Cruz Pontes Martins da Costa Filipe de Oliveira Castro Francisca Montenegro Carneiro Gonçalo Manuel C. M. de Barros Rodrigues Hernâni Faria Santos João Paulo Loureiro Maio José Eduardo Flores Silva Marco Miguel da Silva Cunha Maria Ivone de Carvalho Pinto Vaz Lopes Maria João Santos de Azevedo Costa Natáliia Dzyga Pedro Miguel Romano Azevedo Renata João de Sousa Alves Ricardo Nuno Pereira Branco Rosa Maria Azevedo Teixeira Santos Graça Tiago Barroso Miranda Tiago Pontes Silva Vânia Sofia Ferreira de Araújo Vítor Hugo Fangueiro Braga 10.º M Adriano Macedo Leite Ana Catarina Lopes Araújo Ana Filipa da Silva Gomes Ana Francisca Campos Marques Pinto Ferreira Ana Raquel Regufe da Silva Ana Sofia Rodrigues Ambrósio Andreia Beatriz Ferreira Amorim Andreia Gomes da Costa Andreia Mariana Canas Silva Bárbara Sofia Estela Pereira Carlos Miguel Sampaio Aguiar Catarina Fernandes Feiteira da Silva Catarina Maria Fangueiro da Mata Alves


Daniel Filipe Graça Bernardino Deolinda Rosa Gonçalves Ferreira da Silva Diana Silva Isidoro Eduardo Jorge G. Ferreira Ramos Barbosa Eduardo Miguel Laranjeira Novo Fátima Raquel Silva Marques Inês Jorge da Silva Márcia Castro Silva Mariana Fernandes Feiteira da Silva Micael Gomes de Sá da Rosa Pedro Frasco Parente Sandra Sofia Silva Azevedo Solange Filipa Martins Pereira Thuyanne Cherxilys Barbosa Pessanha Vera Andreia Gomes dos Santos 10.º N Alexandre Maeiro Martins da Costa Ana Carolina Azevedo Monte Ana Carolina Costa Paulo Ana Carolina Monteiro de Pinho Teixeira Ana Cristina Gomes Fonte André Gonçalves de Oliviera Andreia Sofia Araújo Costa António Filipe Carneiro de Araujo Beatriz Rocha Constantino Carina Isabel Gomes Aguiar Carla Patrícia Domingues Figueiras Carlos Rafael da Costa Matias Cátia Santos Craveiro Cláudia Sofia Ferreira Araújo Cristiana da Silva Matias Diana Patrícia Amorim Alves Francisca Cunha Santos Inês Leite Maia João Pedro Brito Viana João Pedro Vieira Fernandes Márcia Gomes Cruz Marco Daniel Lopes Pereira Maria Teresa Alves Miranda Valente Garrido Pedro Miguel Carvalho Madureira Silva Rui Pedro Gonçalves Craveiro Sara Patrícia Carvalho dos Santos Silvia Cristina Moreira Barbosa Lima Tiago Filipe Ribeiro da Silva 10.º O Alexandra da Conceição da Silva Gueiral Ana Sofia Ferreira Dias Andreia Filipa Alves Peniche Andreia Morim da Silva António Pedro Ferreira Fernandes Bruno Miguel Carvalho Gomes Carolina Macedo de Sousa Cristiana Alexandra Braga Rodrigues Cristiana Filipa da Ponte Bouçanova Daniel Pereira Brás Eva Maria Machado Leitão Gabriela Alexandra de Andrade Cardoso Gabriela Ribeiro da Silva Gonçalves Gustavo Emanuel Cardoso Vieira João Pedro Calafate Figueiredo Laura da Silva Carvalho Gomes Lígia Moreira Aurora Liliana Manuela Silva Sousa Miguel Angelo Ferreira Castro Orlanda Francisca Abrunhosa Machado Patrícia Alexandra Ribeiro Côrte Real Rafaela Braga Gonçalves Raquel Sofia Teixeira Garcia Ricardo Jorge Oliveira Valente Rita Ferreira de Sousa Rui Manuel Pinheiro Teixeira Sara Mendes Medeiros

Sofia Catarina Ramos de Almeida Vítor Hugo Cardoso Vieira 10.º P Adélio Alves Morim Alexandre Alves Miguel Ana Rita Marques Sacramento Bruno Miguel Carvalho Gomes Daniel da Silva Neto Diana Cristina dos Santos Vareiro Diogo Correia Madeira Emanuel José Coelho da Fonseca Fernando Manuel Fonseca da Nova Isabel Cristina Gomes da Silva João Pedro Pereira António Joaquim Emanuel Ferreira Gomes Jorge Miguel Campos Aguiar Luís Miguel Vila Pinto Alves Renato Alexandre Alves Ferreira Ricardo Filipe Costa e Silva Ricardo Miguel Faria Oliveira Rui Caseiro de Paiva Fernandes Rui Filipe Fernandes Couto Sérgio Ferreira da Silva Severino José Araújo Craveiro Tânia Raquel de Sousa Carvalho Tiago Filipe Marques da Silva Vítor Angelo Faria Ramos Vítor Énio Brás 11.º A Ana Carolina Pedrosa Morim Ana Claudia Correia Martins Ana Filipa Pedrosa Morim Ana Rita Pedrosa Morim Ana Sofia Azevedo Carneiro André Diogo Ribeiro Ferreira Andreia Gomes Carreira Rabaldinho Beatriz Lordelo Moreira Catarina Isabel Moreira Gomes Catarina Serra Seara Daniela Filipa Fernandes de Castro Débora Dinis Fortunato Diana Carvalhido Araújo Francisco José Torres Ribeiro Guilherme José Silva Fontes Inês Azevedo da Silva Joana Barroso Miranda Luís Fernando Moreira Souto Luís Manuel Sousa Ferreira Maria João da Silva Morim Maria Rui Marrafa Torres Nuno Miguel Ferreira Pinto Patrícia Raquel Moreira Vilas Boas Tiago Caetano Vilas Boas 11.º B Adriana Luisa Faria Cunha Alexandre Daniel da Torre Silva Ana Catarina Pontes Serra Ana Sofia Duarte Braga Bernardo Garrett Neuparth Moura de Oliveira Clara de Assis Correia Cunha Araújo Lima Diana Alves Igreja Filipa Alexandra Maia Mesquita Gonçalo Alves Santos Pinho Marques Joana Filipa Nunes Ramos João Daniel Antunes Cascão dos Santos João José Silva Carrasquinho Luís Rodrigues de Castro Marcio Santos Ferreira Miguel Ângelo Nunes Martins Miguel Braga Sampaio de Sá Peliteiro

Nuno Martins Marques Pinto Pedro Alberto Ervalho Martins Rui Afonso Gomes Moreira de Sousa Rui Lourenço Martins Lobo de Araújo Correia Rute Maria Batista da Costa Campos Sérgio António Dias Salgado Sofia Senra Furtado Tatiana Martins Moreira 11.º C Ana Carolina Azevedo Pinto André Paço da Fonseca António Fernandes Postiga Arnaldo Miranda da Silva Beatriz Cruz de Castro Maçorano Pimpão Carlos Miguel da Silva Ribeiro Daniel Gabriel Lima Ribeiro Daniela Filipa de Jesus Silva Edilson Cesar Pereira Pinto Filipe Amorim Gonçalves Giesteira Gustavo Emanuel Barbosa Teixeira Jessica Maria Moreira Camacho João António Vaz Giesteira João dos Santos Ferreira João Sá Peliteiro Tomé Coutinho Jorge Miguel Lima Viana Luciana Tomi Kobayashi Luís Miguel Gomes Monteiro Márcia Sameiro Ferreira Moreira Morim Maria do Carmo de Sousa Marques Maria Eduarda Pontes Ferreira Marisa Raquel Lima dos Santos Nelson Filipe Sousa Bouça Nova Nicole Mineiro Pedro Miguel Barreiros da Costa Renata Carvalho da Costa Ricardo João Pinho Martins Roberto Joaquim Gomes da Silva Ruben Miguel Gabones Moreira Rui Orlando Silva Sampaio da Costa Rui Pedro Gonçalves Pinheiro 11.º D Ana Alexandra Morim da Silva Ana Patrícia Furtado Pereira Costa Ana Rita Correia Silva Ana Rita Lopes da Silva André José Fangueiro Moça Barbara Luisa da Silva Gregorio Carla Sofia dos Santos Silva Carlos Alberto Gonçalves da Costa Carlos Daniel Fontes Salgado Catarina Cerdeira Magalhães Ribeiro Cristina Andreia Matos Silva Cristina Sousa Nunes Eduardo Jorge Canossa Pereira Hugo Alexandre Ferreira Torres Joana Giesteira Ferreira João Tiago Reis Oliveira José António Araujo Moreira Marina Moita Hintze Matilde Sofia Estremina Ramos Samuel Martins Quaresma Pascoal Silvia Andreia Oliveira de Almeida Susana Filipa Marques Craveiro Vítor Hugo da Costa Azevedo 11.º E Ana Cristina da Costa Malta Ana Margarida Castanho Gaiteiro André Wilson Novais Marques Andreia Isabel Campos Reis António Augusto Gomes Braga Correia

Anuário ESEQ 2011/2012 | 45


Domingos Dias Costa Leite Castro Frederico de Nunes e Silva Joana Patrícia da Torre Macedo João Carlos Eusébio Almeida João Pedro Salgado Postiga José Filipe Moreira Craveiro José Pedro Pereira Costa Liliana Maria Faria Igreja Luís Coelho Ferreira Luís Daniel da Slva Felix Luís Jorge Pinheiro da Silva Márcia da Silva Santos Marta Soraia Gomes Terroso Pedro de Sousa Delgado Goiana Mesquita Pedro Miguel Serra Morim Raquel Sofia Ribeiro Rocha Ricardo Miguel de Campos Zeferino Silvia Barbosa Lopes Tomás João Faria de Castro 11.º F Adriana Rosmaninho Maçães Torres Ana Cristina Figueiredo Correia Ana Luisa Gomes Novo Bruno Miguel Pessoa Fangueiro Carla Alexandra de Barros Neto Cristiano José Leal Frasco Fábio José Neves Amorim Fernando Leite Dourado Iris Andreia Correia Gonçalves Ivo Rajão da Nova Joana Teresa Sousa Zeferino João Manuel Santos Pereira da Silva José Pedro Coelho Carvalhido da Silva Letícia Santos Bento Márcio Henrique Parente Correia Maria de Fátima Sousa Oliveira Maria Helena da Costa Carvalho Marília Oliveira Giesteira Amorim Mónica Pereira Fernandes Roberto Miguel Faria Flores Rute Daniela Milhazes dos Santos Sara Marisa Martins Maia Tiago Filipe Gomes da Costa Vanessa Sofia Oliveira Rodrigues 11.º G Adriana Isabel da Costa Carreira Bárbara Cristina Sousa Carvalho Brandon Lage Aguiar Catarina da Costa Cunha Correia de Almada Daniela Patrícia Gomes Arteiro Fábio André Bras Sousa Isabela Leonor Ferreira do Outeiro Pereira Joana Campos Araujo João Nuno Santos Brito Joel Henrique Barroso Ferreira José Pedro Ferreira Araujo José Ricardo Oliveira Branco Juliana Lopes Ferreira Manuel Fernandes Torres Dias Arnaud Manuel José Amorim Rodrigues Maria Nipo de Sá Moreira Maria Vasconcelos Marques de Carvalho Miguel Azevedo de Sousa Miguel Silva Santos Nelson Adrian Miranda Gomes do Monte Patrícia Raquel Macedo Ramos Ricardo Ferreira Lopes Rosa Alexandra Pereira Fernandes Rui Filipe da Cunha Teixeira Rui Jorge Ribeiro de Aguiar Costa Sara Alexandra Campos Vieira

46 | Anuário ESEQ 2011/2012

11.º H Alexandre Azevedo Pinheiro Alexandre da Costa Barroso Alice Araújo da Silva Ana Sofia Carvalho da Silva André Mata da Silva Beatriz Jorge Pereira Maio Catarina Azevedo Silva Edite Sandrina Laundos Poças Guilherme Alves Rocha Guilherme da Silva Neves Helena Patrícia Barros Lima Henrique Manuel Marques Delgado Ilda Sofia Abreu Neto João Carlos dos Santos Maia João Gabriel Marques Costa João Guilherme Salgueiro Sales da Silva Jorge Alexandre Esteves Costa Jorge Miguel Ferreira Craveiro Luana Sylvie Vincenza Di Rollo Lúcia Araújo da Silva Miguel Angelo de Castro Correia Miguel Angelo Teixeira dos Santos Rui Miguel Ferreira Alves Martins Tiago Castro Pereira Tiago Miguel Amorim da Fonte 11.º I Ana Rita Barroso Gomes Ana Teresa da Silva Ramos Duarte Ana Teresa dos Santos Rocha André Filipe Fonseca Vieira Branca da Conceição Ramos Figueiredo Carina Filomena Rodrigues da Russa Cátia Beatriz da Costa Ferreira Daniela Filipa Soares Neves Daniela Terroso dos Santos Inês Pereira da Silva Joana Monteiro dos Santos João Miguel Brandão Lima José Pedro Góis Marcelino Juliana Alexandra Ferreira Pereira Maria Inês Ferreirinha Felix da Costa Maria Martinho Bompastor Mariana Reina Santos Miguel Oliveira Martins Lopes Paula Cristina Miranda da Silva Martins Rui Filipe Lopes Pereira Rui Miguel Gomes Marques Sara Mafalda Monteiro Oliveira Tânia Filipa Pereira de Castro Tatiana Patrícia Costa Sousa Tiago da Silva Cruz Verónica Alves da Silva 11.º J Alberto Alexandre Brandão Belinho Ana Isabel Mendes Martins Ana Patrícia Campos Brito Axel Miguel Ribeiro Fangueiro Catia Isabel de Oliveira Pinto Christian Almeida Fernandes Claudia da Ponte Santos Claudia Patrícia Leite Simões Cristiana Oliveira Pinheiro Vieitas da Silva Daniel José Pereira Gouveia Filipe de Sousa Nova Flávio Filipe da Silva Lourenço Jacky Vieira Filipe Joana Ferreira Molho João Campos Ferreira José António Lopes Torres Laura Margarida Lima da Silva

Lisandra Daniela Silva Morim Magda Sofia Almeida Soares Pinheiro Márcia Cristina Oliveira da Cunha Maria Filipa Figueiredo da Silva Loureiro Ferreira Marta Maio Veloso e Vasques Michael Eiras da Costa Ricardo Brito Vicente Gomes Solange Miranda Azevedo Tiago Gomes da Silva Tiago Henrique Martins Barros Vanessa Filipa da Costa Silva 11.º K Bruno Gabriel Torres do Alto Carolina Silva Sá Couto Catarina Faria de Lima Freitas Lopes Catarina Lima da Fonte Claúdia Marques Lemos Cristiana Maria Gonçalves Carvalho Daniel Augusto Boucinha Monteiro Daniel Filipe Azevedo da Torre Daniela Maranhão Araújo Edgar Ferreira Matos Moreira Filipe Diogo Miranda Gonçalves Silva Sousa Francisca de Carvalho Torres Henrique Emanuel Luciano Pereira Hugo Souto Fonseca Joana Salgado dos Santos Vieira João Pedro Pereira da Silva Luís Carlos Fernandes Órfão Maria de Fátima Fernandes Carreira Mariana Almeida Cavalheiro Patrícia Brasileiro de Oliveira Machado Lemos Regina Torres Capela Tiago Miguel Carneiro Loureiro 11.º L Ana Beatriz Fonseca da Silva Ana Filipa da Silva Neves Ana Luísa da Silva Pedrosa Ana Mafalda Águas Areias Ana Margarida Oliveira Anunciação Ana Patrícia Araújo Areias Ana Sofia Sampaio de Andrade André Filipe da Silva Matos Andreia Morim da Costa Aurora Sofia Sobral Morais Carlos Miguel Trocado Amorim Carolina Machado Cadilhe Ferreira Gonçalves Catarina Baptista da Costa Cristiana Manuela Pereira Agra David Martins da Paiva Edgar Martins Costa Fátima Raquel Moreira da Silva Jessica Devesa Serra Jessica Filipak Jorge Augusto Costa Félix Lucas de Abreu Ferreira Marina Alexandra Nogueira da Silva Marta Sofia Soares Alves Marta Vasconcelos Costa Raquel da Silva Monte Fangueiro Renata Filipa Marques Arteiro Valter Tavares da Silva 11.º M Álvaro João Oliveira da Silva Ana Filipa Oliveira Lopes Ana Filipa Sobral Castanho Ana Francisca Miranda Melão Ana Luisa Teixeira Neves Pereira Fernando Ana Rita Ramos Gondar Andreia Filipa Fonseca da Silva


Bárbara Costa Aguiar Branca Alexandra Viana Pinheiro Carolina da Cunha Guimarães Campos Arnaud Cristina Carvalho da Costa Daniela Andreia Monteiro de Jesus Daniela Patrícia Costa Lapa Dulce Andreia Coentrão Terroso Eliana Sofia Marques Delgado Inês de Sousa Loureiro Inês Patrícia Barroso Miranda João António Faria e Silva João Pedro Teixeira da Lapa José Carlos Marques Carneiro Manuela Alexandra Loureiro Matias Mariana Ferreira Amideo Carneiro Torres Marta Antonieta da Silva Carvalho Pedro Miguel Fonseca Pereira Rafael Filipe Alves Marques Tiago Filipe Gonçalves Cadilhe 11.º N Ana Filipa Eusébio Carvalho Ana João Oliveira Marques Ana Luisa da Silva Nunes Ana Luisa Ribeiro Mandim Andreia Carina Neves da Costa Andreia Maria dos Santos Martins Bruno Tiago Ferreira da Costa Carlos Eduardo Mateus de Azevedo Ferreira Débora Sofia Coentrão Ferreira Filipe Gil Martins Geoffrey Orlando Cadet Lopes Inês Campos Malta Inês Domingues Mineiro Correia de Almeida Janeth Maria Moreira Camacho Joana dos Santos Lima João Ricardo Sousa Areias José Pedro Loureiro Gomes Luana Gonçalves Cunha Micael Fernando Marques dos Santos Pedro Martins Barroso Raul Filipe Lima de Oliveira Ricardo Jorge Miranda Gomes Rui Filipe Custódio Dias Sílvia Cristina da Silva Santos Tiago Filipe Duarte Cancela Tiago Filipe Veloso Oliveira 11.º O Álvaro Pereira Pecegueiro Hugo Manuel Aldeias Dias Jéssica Lopes Silva João Miguel Neiva Arezes José Fernando Marques Rajao Miguel Ângelo Monteiro Fonseca Miguel Filipe dos Santos da Nova Neuza Patrícia Campos Pereira Paulo Salvador Silva Leal Ricardo Jorge Matias da Silva Martins Rui Filipe Faria Silva Sérgio António Flores Monteiro Vítor Jorge Maio de Sa 11.º P Alexandre Morim Madeira André Manuel Azevedo Furtado André Porfirio Rodrigues Margarido Bruno Daniel Marques da Silva Carla Filomena Marques Moreira Carlos Daniel da Silva Miranda Carlos Miguel Pinto Vareiro Estefânia Matos Augusto Marques Dias Flávio da Costa Santos

Hugo Filipe Moreira Fontão José Manuel Gonçalves Vital José Belmiro Dias Pinto Júlio Miguel Viana Sencadas Rodrigo Alves Regufe Tiago Figueiredo Vieira Tiago José Pinto Amorim Vítor Joel Cardoso Arantes 12.º A Alexandra Isabel Ferreira Alves Américo Isidro Gomes Nunes Benta Ana Filipa Lima Neiva Ana Luisa Neves Faria Ana Luisa Vasconcelos da Silva Angelina Manuela Pereira Canelas Anthony Gomes Alves António Augusto Gomes Braga Correia António Manuel Santos Moça António Pedro Moreira dos Santos Sampaio Carlos Miguel Barroso de Araujo Catarina Marques Guimarães Nunes Calhão Daniel Fernando Pinto Ribeiro Eduardo da Silva Fonte Marques Fábio Reis Pereira Filipe Ricardo da Silva Torres Gabriela Pereira Canelas Helena Patrícia Barros Lima Hugo Daniel Tome Silva Inês Vieira da Costa Jéssica Ferreira Santos Pereira João Alberto dos Santos Ferreira Amorim Jorge Miguel Ferreira Craveiro Luís Carlos da Costa Rocha Mafalda Macedo Mariz Nuno Miguel Figueiredo Nunes Paula Cristina Coelho Ferreira Pedro Miguel Gonçalves Pereira da Silva Ricardo Pereira Barbosa Ruben Daniel Cruz Nunes Rui Manuel Crespo Flores Vítor Rafael Flores da Silva 12.º B Alexandre de Araújo Passos Ana Sofia Leites de Oliveira Daniel Fernandes Pontes Daniel Rodrigues Barbosa Diogo Rafael Brito da Costa Eduardo Fernandes de Campos Eiras Filipa Carvalho de Sousa Monteiro Filipe José Agra da Silva Filipe Miguel M. Veloso Cadilhe Figueiredo Jéssica Ye João Miguel Azevedo Miranda Costa Joel Domingues da Silva José Carlos Neves Ribeiro Luís Azevedo Teixeira dos Santos Graça Mafalda Patrícia de Castro Pinto Manuel José Sousa Torre Maria Daniela Gonçalves do Monte Maria do Rosário Rodrigues Lima Mauro Frederico Assunção Mesquita Nuno Henrique Vieira Reis Paula Maria dos Santos Sobral Pedro José Silva Azevedo Pedro Miguel Fernandes Faria Ruben Tiago Oliveira Bras Vítor Daniel da Silva Morim

12.º C Alberto Gomes Pinheira Ana Raquel Loureiro Moreira Andrea Elizabeth Moreira Camacho António Alexandre Neves Reina Moreira António Daniel Dourado Vieira Artur Correia Alves Bruna Oliveira Alves Cátia Vanessa Costa da Silva Claudia Cristina de Azevedo Aldeia Diogo Simão Gonçalves Mesquita Filipa Dias Marques Frederico de Sá Lima Torres Guilherme Santos Rosmaninho Isabel Filipa Pinto Vieira João Luís Marques Campos Jonas Filipe Trindade Antunes José Luís da Costa Miranda Manuel Octávio Ferreira de Carvalho Márcia Andreia Viana Baptista Nuno Gonçalo Neto Silva Patrícia Rodrigues Correia Pedro Moisés Teixeira R. Figueiredo da Silva Roberto Carlos Moreira Briote Ruben dos Santos Frasco Tiago Paulino Fonseca Torres Vanessa Marques Almeida 12.º D Álvaro Jorge Cadilhe Fangueiro Ana Catarina Araújo Ferreira André Mourato Martins Andreia Carvalho Molho Ariana Patrícia Carreira da Costa Bruno Filipe Araújo Lima Bruno José de Sa Carvalho Carlos Eugénio Carvalho Vieira Carlos Manuel Guimarães Campos Catarina Ramos Nunes Inês Costa Santos Inês Terroso Correia Rainha João Carlos de Sousa Albuquerque Jorge Manuel Lima da Costa José Paulo Rosmaninho Coelho José Pedro Gomes Amorim Lucas José da Cunha Rocha Ferreira Mário Miguel Fernandes Azevedo Marta Isabel Marques Pereira Melanie Martins da Costa Patrícia da Cunha Andrade Paula Catarina Furtado Matias Paulo Jorge Nunes Nogueira da Silva Raquel Sofia Rodrigues Alves Ricardo Gomes Lucas Tiago Manuel Dias Neta Vítor Hugo da Costa Azevedo 12.º E Adriana Veloso dos Santos Ana Catarina da Silva Ramos Maia Ana Cristina Oliveira Abreu Cerqueira Ana Isabel Batista Águas Bruna Sofia Ferreira Capela Bruno Filipe da Costa Branco Carla Lopes Lourenço Catia Roberta Mesquita dos Santos Daniela Filipa Magalhães dos Santos Diogo Miguel Reis do Vale Elisabete Araújo Laúndos Fábio Alexandre Dias Ramos João Nuno Magalhães Malta João Pedro Carvalho Santos João Pedro Morim Alves

Anuário ESEQ 2011/2012 | 47


Liliana Moura Carneiro Manuel Maria Furtado Cunha Miranda Moreno Marco António Dias Crista Fonseca Ferreira Paula Alexandra Vieira Oliveira Pedro Fernando André Miranda Raquel Lemos Pimenta Ribeiro Rodrigo Moises da Silva Lata Rosaria Catarina Faria da Fonseca Sabrina Maryse Silva dos Santos Sara Cristina Rodrigues de Castro 12.º F Abílio José Gavinho Vaz Tavares Neto Alexandra Patrícia Lima dos Santos Alexandra Rafaela Esteves Coelho Ana Filipa Ramos Cunha Ana Rita Miranda da Silva Andreia Sofia Moreira da Silva Carlos Miguel Vidal Rebelo Catarina Isabel Moreira Leitão Cátia Sofia Azevedo Mariz Cláudia Correia Ramos Gomes Cristiano José Leal Frasco Hugo Miguel Morais Teixeira da Mota João Francisco de Almeida Trindade João Manuel Nogueira Correia Joaquim Martins Moreira José Paulo Leitão Campinho Luís Carlos Ferreira Silva Manuela Fernandes Matias Maria José Faria Padrão Marta Sofia Trocado Lopes Miguel Oliveira Sandim Rodolfo Gomes Carvalhal Gonçalves de Sousa Rui Pedro Oliveira Rodrigues Susana Cristina de Sousa Ribeiro Tiago Nuno Amaro Timóteo Vânia Raquel Meda Marafona 12.º G Alberto Rosmaninho Maçães Torres Andreia Filipa da Nova Macho Andreia Isabel Maia Filipe Carlos Duarte Guimarães Junqueira Catarina Domingues Vasco Catarina Felix Machado Fábio Miguel Correia da Nova Filipa Figueiredo Barros Flávia Filipa Ribeiro Freitas João Marcos Teixeira Fernandes Lara Silva Ferreira Luís Miguel Forte de Faria Pinto da Silva Márcia Machado Ferreira Maria Helena Paixão Costa Marta Isabel Araújo Figueiredo Nuno Miguel Alves Dimas Flosa Pedro Manuel Trocado Vianez Pedro Maria Silva Souto e Castro Pedro Miguel Moreira Azevedo Ricardo José Gomes Pereira Pontes Rita Amado Laezza Sara Cristina Neves de Carvalho Sara Patrícia Nunes Pereira Tiago da Costa Giesteira Tiago José da Torre Faria Vera Lúcia Araujo Dias Vera Lúcia Ribeiro Gabones 12.º H Adriana Patrícia Verissimo da Silva Alexandre Fernandes Pontes Ana Isabel Alves de Carvalho Ana Isabel da Rosa Castro

48 | Anuário ESEQ 2011/2012

Ana Margarida Duarte Gonçalves de Castro Andreia Filipa da Costa Moreira Bruno Filipe Pereira Mandim Catarina Moreda Queiroga Cristiana Filipa da Silva Ferreira Cristiana Filipa Moreira Cancela Jéssica Ferreira Fernandes Joana Catarina Pinto da Silva Teixeira Khrystyna Yelisyeyeva Maria de Fátima Miranda Teixeira Marisa Bimbo da Costa Patrícia Isabel Carvalho Barbosa Paulo André Felix Correia Pedro Marques Cadilhe Soares da Costa Pedro Miguel Moça Eusébio Rafael Santos Cardoso Romeu Dimas Azevedo Rosa Maria Martins Azevedo Rui Filipe Novais Azevedo

Fernando José Lazera Ferreira Filipa Daniela Gonçalves Sousa Filipa Raquel Cruz Gomes Heitor Filipe Faria Marques Inês Filipa Sousa Azevedo Inês Rainha de Barros Queirós Irene Daniela Feiteira Magalhães João Pedro Santos Serra Lara Catarina Ventura Lopes Maria das Dores Cruz dos Santos Maria João Félix da Costa Morais Marta Alexandre da Costa Milheiro Marta Filipa Vieira Ferreira Miguel Valentim Dionísio da Silva Souto Rui Américo Martins do Monte Rui Paulo Miranda Saraiva Sandra Patrícia Oliveira de Sousa Sara Faria Costa 12.º L

12.º I Adriana Macedo Machado Ana Catarina de Sousa Anjo Paiva Ana Sofia dos Santos Neves Cristiana Sofia Rocha Nunes Cristina Costa Ribeiro Fábio André Maieiro Cruz Gabriela Silva Geriante Maria João Lima Martins Marta Isabel Fortunato Novo Marta Torres Rosmaninho Ferreira Nancy Santos Craveiro Nuno Moreira Dupont Pedro Manuel Campos Marques Morim Rafael Duque Flores Oliveira Rafael Santos de Barros Tayane Simão Cecílio Mendes Tiago Manuel Ferreira Correia 12.º J Afonso de Sá Carneiro Marques Alberto Diogo Teixeira Pacheco Ana Isabel Pereira Milhazes Ana Sofia Pereira da Silva Andreia Patrícia Aguiar Morim Augusto Marques Brandão Bárbara Cristina Martins Fontes Cátia Sofia Araujo Rajão Daniel Alexandre Azevedo Araujo Elsa Ferreira Araújo Filipa Alves Lima Fernandes Filipa Sá Couto de Oliveira Fernandes Francisco Oliveira Almeida Sousa de Vasconcelos Ivone Catarina Lopes Pires Micaela Lacerda Graça Oliveira Pedro José Ferreira Lima Rafael Maio Martins de Sousa Ricardo Jorge Caldeira Saraiva Sara Rita Silva Lemos Moura Susana Maria Lopes Carvalho Tatiana de Aguiar Ganhão Tiago Filipe Gomes da Costa 12.º K Ana Filipa da Silva Dinis Ana Rita Gonçalves Lopes da Silva Ana Sofia dos Santos Nunes Anais Lea Sónia da Silva Catarina Alexandra Moreira Ferreira Catarina Maria Ferreira Gomes Marafona Christopher Macedo Oliveira Constança Maria Barroso Miranda de Almeida Eduardo Coelho Macedo

Ana Alice Azevedo Campinho Ana Catarina Ferreira Rodrigues Ana Luísa Negreiros Dourado Ana Rita Brito da Silva Ana Rita Neves Costa Andreia Sofia Rodrigues Figueiredo Ângelo Filipe Neves Poças Carla Maria da Silva Santos Catarina da Silva Martins Catarina Gomes Moreira Guilherme Monteiro Cruz Hélder Filipe Cabreira Ferreira Inês Isabel Matias Trigo Lourenço Isabel Cristina Martins Azevedo João Nuno de Sousa Carvalho Márcio da Silva Santos Maria de Lurdes da Costa Mateus Marta Vieira da Silva Patrícia Isabel Coelho Regufe Rosa Maria Novais da Costa Sandra Isabel Costa Miranda Sara Catarina Domingues da Silva Matias Sara Raquel Oliveira Rocha Sergio Ramos Fontes Sofia Vasconcelos Ferreira Tânia Sofia Silva Cruz Teresa Lisandra Martins Cabreira 12.º M Alberto Costa Ervalho dos Santos Ana Sofia Sousa Alves Diogo Soares da Silva Flores Filipe José Areias da Silva Flávio Daniel Brás Lopes Inês Castro da Silva Isabel Pinheiro Correia João Pedro Lopes Tome Carreirinha José Augusto Couto Graça Luís Miguel Madureira Couto Paulo César Sousa Matias da Silva Ricardo Emílio Lopes Tomé Casais Ricardo Filipe Bertão Ferreira Sérgio Daniel Madureira Rajão


ALUNOS DELEGADOS DE TURMA 2011/2012 7.º A

Delegado

Subdelegado

Pedro Silva Marques - n.º 24

Mariana Costa Almada - n.º 20 Cláudio Gonçalves - n.º 9

8.º A

Eduarda Barreirinho - n.º 12

10.º A

Hélder Oliveira – n.º 9

Nuno Rocha – n.º 23

10.º B

Inês Correia - n.º 19

Rita Maia - n.º 26 Carla Santos - n.º 7

10.º C

Maria João Oura - n.º 17

10.º D

João Bernardo Silva - n.º 17

Patrícia Rodrigues - n.º 23

10.º E

Paulo Miguel Santos - n.º 25

José Miguel Silva - n.º 18

10.º F

Tiago Miguel Costa - n.º 27

Gonçalo Manuel Luís - n.º 10

10.º G

Gonçalo Rodrigues - n.º 14

Ana Sofia Veríssimo - n.º 3 Ana Luísa Marques - n.º 3

10.º H

Maria Vasconcelos Arteiro - n.º 20

10.º I

Jorge Oliveira - n.º 19

Mónica Ferreira - n.º 22

10.º J

Teresa Lima - n.º 22

João Silva - n.º 18 António Silva – n.º 4

10.º K

António Joaquim Silva - n.º 4

10.º L

Pedro Miguel Azevedo - n.º 17

Maria João Costa - n.º 15

10.º M

Micael Sá da Rosa - n.º 23

Catarina Feiteira da Silva - n.º 12

10.º N

Ana Carolina Paulo - n.º 2

Carla Figueiras - n.º 10

10.º O

Miguel Ângelo Castro - n.º 17

Raquel Sofia Garcia - n.º 21 Luís Miguel Pinto Alves - n.º 13

10.º P

Jorge Miguel Aguiar - n.º 12

11.º A

Inês Azevedo da Silva - n.º 16

Nuno Miguel Pinto - n.º 22

11.º B

Miguel Peliteiro - n.º 16

Ana Serra - n.º 3

11.º C

João Sá Coutinho - n.º 15

Luciana Kobayashi - n.º 17

11.º D

Hugo Torres - n.º 14

Susana Craveiro - n.º 22

11.º E

Domingos Castro - n.º 7

André Marques - n.º 4

11.º F

Fábio Amorim - n.º 6

Ana Luísa Novo - n.º 3

11.º G

Catarina Costa Almeida - n.º 3

Juliana Lopes Ferreira - n.º 12

11.º H

Jorge Costa - n.º 17

Miguel Correia – n.º 20 Ana Teresa Duarte - n.º 25

11.º I

Paula Martins - n.º 17

11.º J

Cláudia Santos - n.º 7

Márcia Filipa Ferreira - n.º 18

11.º K

Filipa Sousa - n.º 11

Regina Capela - n.º 22

11.º L

Marina Silva - n.º 20

David Paiva - n.º 14

11.º M

Ana Luísa Fernando - n.º 5

Rafael Filipe Marques - n.º 25

11.º N

Inês Domingues Almeida - n.º 13

Carlos Eduardo Ferreira - n.º 8

11.º 0

João Arezes – n.º 4

Rui Silva - n.º 11

11.º P

Hugo Fontão – n.º 10

José Belmiro Pinto - n.º 12

12.º A

Carlos Miguel Araújo - n.º 9

Inês Costa - n.º 17 Alexandre Passos - n.º 1

12.º B

Manuel Torre - n.º 17

12.º C

Tiago Fonseca Torres - n.º 25

José Luís Miranda - n.º 17

12.º D

Paula Catarina Matias - n.º 21

Bruno José Carvalho - n.º 6

12.º E

Adriana Santos - n.º 1

Diogo Miguel Vale - n.º 9

12.º F

Rodolfo Gomes Sousa - n.º 22

Marta Sofia Lopes – n.º 20 Sara Cristina Carvalho - n.º 23

12.º G

Flávia Freitas - n.º 9

12.º H

Ana Isabel Carvalho - n.º 3

Paulo Correia - n.º 16

12.º I

Pedro Morim - n.º 13

Marta Novo - n.º 9

12.º J

Micaela Oliveira - n.º 15

Alberto Pacheco - n.º 2

12.º K

Christopher Oliveira - n.º 7

Marta Milheiro - n.º 20

12.º L

Ana Rita Costa - n.º 5

Guilherme Cruz - n.º 11

12.º M

Luís Miguel Couto - n.º 10

Ricardo Ferreira - n.º 13 Anuário ESEQ 2011/2012 | 49


PAIS DELEGADOS DE TURMA 2011/2012 Turmas 7.º A

Pai Delegado

Substituto

Carla Lopes de Castro

Isabel Cristina Fontes Paula Manuela Vieira e Silva

8.º A

Margarida Maria Duarte

10.º A

Maria de Fátima Morais

Maria José Sousa

10.º B

Vítor Manuel Correia

António Joaquim Lima Júlio Idílio de Sousa Guerra

10.º C

Rosa Maria de Oliveira

10.º D

Maria João Moreira

Helena Maria Tavares

10.º E

Dulce Figueiredo

Ana Costa Maria Elizabete Viana Moreira

10.º F

Maria José Pires Flores

10.º G

Elísio Silva

Amélia Mendes

10.º H

Carlos Manuel Guedes

Maria Manuela Graça Praia

10.º I

Maria Cristina Correia

Ana Cristina Ferreira da Costa

10.º J

Ester Alves

Graça Alexandre

10.º K

Maria Leonor Silva

Manuela Gomes

10.º L

Maria Aurora Vaz

Maria Cristina Pontes

10.º M

Cristina Feiteira

Isolina Bernardino

10.º N

Paulo Valentim da Costa

Marta Miranda

10.º O

Maria Nazaré Castro

Cesarina Sousa

10.º P

Natércia Ramos

Cristina Brás

11.º A

Maria Antonieta Silva

Teresa Morim

11.º B

Margarida Faria

Maria de Fátima Moreira Lizette Santos

11.º C

Paula Coutinho

11.º D

Carla Pereira

Carlos Costa

11.º E

José Monte

Elisa Marques Jesuína Rodrigues

11.º F

Irene Carvalho

11.º G

Conceição Ferreira

Maria de Lurdes Dias

11.º H

Paula Sales

Sandra Esteves

11.º I

Fernanda Lopes

Arminda Cruz

11.º J

José Belinho

Anabela Casanova Jorge Carvalho

11.º K

Isabel Lima

11.º L

Maria Albina Paiva

Maria Glória Costa

11.º M

Maria Carlos Cruz

Maria Graça Sobral Ana Paula Mateus

11.º N

Filomena Martins

11.º O

Angélica da Nova

Domingos Silva

11.º P

Maria Elisabete Gonçalves

Maria de Fátima Santos

12.º A

Maria Júlia Gonçalves

Vítor Silva

12.º B

Maria da Conceição Fernandes

António Mesquita

12.º C

Isolino Silva

Maria de Fátima Silva

12.º D

Paula Matias

Fernando Ferreira Margarida Magalhães

12.º E

Manuela Carvalho

12.º F

Isabel Moreira

José Gomes

12.º G

Maria Manuel Fernandes

Eduardo Costa

12.º H

Adriano Silva

Gracinda Cadilhe

12.º I

Fernando Novo

Ludovina Marques Margarida Aguiar

12.º J

Lúcia Carneiro

12.º K

Isidro Marafona

Rosa Miranda

12.º L

Ermelinda Silva

Maria de Fátima Catarino

12.º M

António Flores

Américo Couto

50 | Anuário ESEQ 2011/2012


PLANO ANUAL DE ATIVIDADES 2011/2012

A proclamação do nosso mérito é um exercício excelente para aumentar e mesmo para adquirir efetivamente esse mérito. Um outro apólogo oriental conta que a negra gralha tanto e tão estridulamente afirmou que era branca que terminou por embranquecer. (…) Com efeito, quem sem descanso apregoe a sua virtude, a si próprio se sugestiona virtualmente e acaba por ser às vezes virtuoso. A exaltação afetada da nossa força atua como um estímulo permanente, que equivale realmente à força. e quem engrandece desmedidamente o seu pequenino feito mostra que sente a nobreza de empreender altas coisas, prova o seu gosto pelos aplausos dos homens e está portanto já no caminho e com o feitio moral para praticar um feito grande. Eça de Queirós, Cartas de Paris

Anuário ESEQ 2011/2012 | 51


SINAIS DA (NOSSA) PRESENÇA

Vivendo se aprende; mas o que se aprende; mas o que se aprende mais, é só o fazer outras maiores perguntas. Guimarães Rosa, Grande Sertão: Veredas

Uma sociedade cada vez mais complexa e refletida nas escolas obriga a um investimento humano na reflexão e no questionamento contínuos face ao que a escola de hoje é e ao que ela pode vir a ser no futuro. Os coordenadores de estruturas pedagógicas da ESEQ conhecem o seu espaço de trabalho e procuraram a inovação, a partilha e o debate sobre os desafios da educação no mundo contemporâneo.

Tudo o que é escrito corre o risco de parecer eterno, de transcender o tempo. Ao descrever as circunstâncias e os atos da vida quotidiana da escola, no ano letivo de 2011/12, o Anuário enfrenta o desafio de superar o tempo. Que representa, afinal, um ano letivo no longo trajeto da Escola Secundária Eça de Queirós? Que atenção merecerá a quem ler, já longe do nosso tempo, este efémero percurso feito de aulas, reuniões, atividades, sessões evocativas, projetos e expectativas de professores, alunos e encarregados de educação? O Departamento de Ciências Sociais e Humanas desenvolveu no seguimento de experiências vindas do passado: a comemoração do Dia Mundial da Filosofia; o Diário de Filosofia online; Filosofia no Cinema e uma visita de estudo subordinada ao tema: Arte e Religião. Acolheu novas iniciativas: representação cénica A História da Implantação da República; a exposição Árvores Axiológicas; as palestras sobre Educação Financeira e Crédito Responsável; a aula sobre o Admirável Mundo do Cérebro pelo neurocirurgião Rui Faria; e a colaboração na Semana da Leitura 2012 da Biblioteca Dr. Luís Amaro de Oliveira: Linhas de Intervenção política na Póvoa de Varzim - o poveiro Santos Graça. É inegável que os aspetos da vida corrente da escola têm assumido uma atenção crescente. São, afinal, testemunhos de momentos e decisões que se pro52 | Anuário ESEQ 2011/2012

jetam de forma significativa na vida da instituição. e desta forma, ao futuro, entregamos sempre o melhor do nosso passado e do nosso presente. Fernando Souto Coordenador do Departamento de Ciências Sociais e Humanas

Os professores do Departamento de Expressões promoveram atividades, que atuando como complemento pedagógico do trabalho quotidiano da escola, pretendem estimular a cooperação, a socialização, o respeito, a inclusão, o trabalho em equipa, a autoestima e demais valores e experiências de fulcral importância na formação dos alunos, o que frequentemente faz sobressair os seus interesses, talentos e aptidões. Das diversas e variadas atividades, realce-se a integração dos alunos com NEE e as atividades desportivas com uma participação acima dos mil e quinhentos alunos, tais como os torneios internos, as atividades de colaboração com entidades exteriores à escola, de que é exemplo a participação na Festa de Encerramento da Escola da Minha Vida e os Clubes de Desporto Escolar, onde a ESEQ obteve excelentes resultados. No âmbito do Curso de Artes


Visuais, as exposições dos alunos, assim como a participação em diversos concursos externos, como o XXXIV Festival Internacional de Música da Póvoa de Varzim, testemunharam a qualidade dos seus trabalhos. Numa perspetiva de partilha, é notório o contributo dos professores do grupo 600 na conceção gráfica de diferentes eventos realizados na ESEQ. Destaque-se ainda, de âmbito nacional, a realização do V Concurso de Vídeo Escolar. Augusta Ferreira Coordenadora do Departamento de Expressões

O facto de um anuário escolar guardar na memória escrita os diferentes aspetos de uma instituição, da sua gestão institucional e “emocional”, permite, paradoxalmente, dar um salto para futuro, na medida em que se torna uma reflexão sobre as necessidades e expetativas dos atuais elementos e um auscultar dos desejos da próxima geração. As atividades desenvolvidas no ano letivo 2011/2012, no Departamento de Línguas, integraram esse espírito e o do Projeto Educativo da ESEQ, procurando compreender a escola atual na sua tradição de cidadania, colaboração com a comunidade envolvente, criação de oportunidades confiáveis e

desafiantes. Essas iniciativas, compiladas no Plano Anual de Atividades, demonstraram a visão estratégica que envolve todos os âmbitos e dimensões, contribuindo para crescentes níveis de desempenho e para uma cultura escolar de qualidade. O objetivo principal, com a concretização de múltiplas atividades, é o de criar condições para que os alunos melhorem os resultados escolares e se tornem seres humanos interventivos, solidários e responsáveis materializando a máxima orientadora do Projeto Educativo “Conhecer e Agir: Ousar Autonomia” através de ações meritórias no contexto social onde estiverem, no futuro, inseridos. Maria Filomena Pacheco Coordenadora do Departamento de Línguas

No ano letivo 2011/12, os professores do Departamento de Matemática e Ciências Experimentais, à semelhança dos anos anteriores, desenvolveram um elevado número de atividades: umas, associadas às tecnologias de informação e da comunicação, outras, à melhor qualidade do meio ambiente, outras, associadas a projetos científicos dos alunos e, ainda outras, desenvolvidas com professores de outros departamentos, visando a construção de um coAnuário ESEQ 2011/2012 | 53


nhecimento globalizante e abrindo as fronteiras das diversas disciplinas que compõem os currículos dos alunos. Todas as atividades foram importantes e, no seu conjunto, tornaram mais sólida a formação dos nossos alunos. Com efeito, a diversidade e a qualidade das atividades desenvolvidas permitiram associar os conteúdos estudados na sala de aula com a realidade do nosso meio físico e social, proporcionando momentos de socialização e de aprendizagem, muitas vezes, de forma mais descontraída. Este anuário regista a cor e a palavra de algumas das muitas atividades que marcaram todos os que nelas se envolveram e desse modo saíram mais ricos, assim cumprindo uma das missões da escola. Graça Campos Gandra Coordenadora do Departamento de Matemática e Ciências Experimentais

O Curso Profissional de Multimédia prepara jovens para um mercado de trabalho em constante mudança. É um ensino prático e voltado para o desenvolvimento de competências profissionais que permitam aos alunos cooperar com a Escola na concretização de outras iniciativas, por exemplo o registo multimédia de atividades diversas. As atividades centram-se, assim, na produção de projetos multimédia em diferentes domínios no âmbito da comunicação e da informação. Para atingir esse objetivo a aquisição de livros é fundamental, sobretudo nesta área onde as mudanças tecnológicas são constantes. As atividades que dinamizam e aquelas a que assistem, pretendem contribuir para a atualização dos alunos numa aliciante área do conhecimento como é a multimédia bem como para o seu enriquecimento cultural. Carlos Baptista Coordenador do Curso Profissional

Quando se sonha sozinho, é apenas um sonho. Quando sonhamos juntos, é o começo da realidade. Cervantes As coordenadoras do Conselho dos Diretores de Turma procuram apoiar, dinamizar e reforçar todo o trabalho inerente ao exercício do cargo de diretor de turma. Na verdade, o papel deste membro do ensino assume-se como elemento chave na relação educativa escola-família, uma vez que a sua ação se desenvolve junto de todos os intervenientes nela envolvidos: alunos, professores, pais, funcionários e estruturas de orientação e apoio educativo. Tendo presente as mudanças profundas que o sistema educativo português enfrenta, as coordenadoras sustentam que o trabalho em equipa, a ação apoiada no diálogo, a reflexão crítica e construtiva se assumem como uma mais-valia na resolução dos problemas vivenciados. Esperamos que o nosso trabalho contribua para a construção da ESEQ que procura ser cada vez melhor e fornecer aos seus alunos uma educação de qualidade. Albertina Anjo e Margarida Costa Coordenação dos Diretores de Turma

54 | Anuário ESEQ 2011/2012

O ser humano pode ser brilhante de várias maneiras diferentes – alguns brilham a usar a linguagem, outros a pensar com lógica, outros a imaginar no espaço, a criar e inventar, outros ainda usam as mãos, o corpo e exploram tudo ativamente. Para Howard Gardner, “uma definição clássica de inteligência unitária não abarca a grande variedade das capacidades humanas” a que chamou “inteligências múltiplas”: linguística, lógico-matemática, musical, espacial, corporal-cinestésica, interpessoal e intrapessoal. Na ESEQ, o desenvolvimento de projetos e atividades é o meio de permitir e potenciar a manifestação e o crescimento de todas essas inteligências sem o que nenhuma escola poderia cumprir a sua missão em pleno. Luiza Alves da Costa Coordenadora do NPA


O SPO é um serviço especializado de apoio educativo que é constituído na ESEQ por uma Psicóloga e um Assistente Social. Embora o seu âmbito de ação abarque toda a comunidade educativa, o seu principal objetivo é contribuir para o desenvolvimento integral dos alunos prestando apoio psicossocial, quer através de processos de intervenção individual, quer através da intervenção em grupo, formação ou consultadoria. As atividades desenvolvidas são muito diversificadas e implicam da parte dos técnicos que as desenvolvem não só conhecimentos científicos especializados, sentido crítico e autonomia mas também um grande compromisso pessoal com os valores e princípios éticos do serviço e ainda capacidade de empatia, comunicação e trabalho em equipa e cooperação com todos os membros da comunidade educativa. Como base de todo o trabalho desenvolvido está, assim, o acreditar nas potencialidades de ação que cada um enquanto docente, discente, não docente ou encarregado de educação pode ter na construção de uma escola mais solidária e, quiçá, dar um contributo para a construção de um país também ele mais solidário e que olhe para as pessoas como seres humanos e não apenas meros números ou estatísticas. Conceição Prisco Coordenadora do SPO

O NAE da ESEQ, guiado pelo lema “Todos iguais, todos diferentes”, tem procurado (ao longo dos seus treze anos de vida) responder ativamente às necessidades de cada aluno, combatendo dificuldades de vária ordem e origem. De facto, a atividade do NAE – promotora do sucesso educativo – tem sido norteada pela convicção de que a igualdade de oportunidades não é uma utopia. Bem pelo contrário. Assumindo a Escola como reequilibradora das desigualdades, o NAE não teme a diferença e, como tal, tem sugerido e implementado as mais variadas medidas de apoio, com vista à integração plena dos seus alunos na comunidade. Das dificuldades de aprendizagem às necessidades educativas especiais, passando pelo acompanha-

mento e apoio personalizado dos alunos oriundos de países estrangeiros, todos têm sido alvo da maior atenção e dedicação, envolvendo a Direção da escola e professores que, em interação com o NAE, promovem o sucesso educativo e escolar destes alunos. O NAE existe por eles e para eles.

Fátima Guedes Coordenadora do NAE

O Conselho Geral cumpriu, no ano escolar de 2011/2012, as suas funções, analisando, apreciando, emitindo pareceres, definindo as linhas orientadoras para a elaboração do orçamento, ora aprovando os documentos que regem a atividade escolar da ESEQ, nomeadamente o Relatório Final de Execução do Plano de Atividades (2010/2011), o Plano de Atividades 2011/2012, o Relatório de Contas de Gerência de 2011 e, extraordinariamente, o Projeto Educativo: “Conhecer e Agir: Ousar Autonomia”. Esteve presente nos momentos capitais, quer tomando decisões, quer cimentando posições, após análises profundas da realidade, não só da escola, mas também do contexto escolar poveiro. Assim subscreveu na íntegra o “Contraditório”, elaborado pelo Diretor, por ter uma leitura diferente da IGE no âmbito da avaliação externa realizada por esta estrutura e afirmou perentoriamente a sua posição desfavorável à constituição de agregações de estabelecimentos de ensino no conselho da Póvoa de Varzim por achar que, presentemente, tal não traria qualquer vantagem para a ESEQ. Em conclusão, podemos dizer que o Conselho Geral cumpriu bem o seu papel, uma vez que esteve representado em todos os atos oficiais da ESEQ e assumiu plenamente as suas responsabilidades como órgão de administração e gestão. António Ferreira da Silva Presidente do Conselho Geral

Anuário ESEQ 2011/2012 | 55


Os sistemas educativos formais são, muitas vezes, acusados, e com razão, de limitar o desenvolvimento pessoal, impondo a todas as crianças o mesmo modelo cultural e intelectual, sem ter em conta a diversidade dos talentos individuais. Tendem, cada vez mais, por exemplo, a privilegiar o desenvolvimento do conhecimento abstrato, em detrimento doutras qualidades humanas como a imaginação, a aptidão para comunicar, o gosto pela animação do trabalho em equipa, o sentido do belo, a dimensão espiritual e a destreza manual. Jacques Delors, Educação, um tesouro a descobrir (Relatório para a UNESCO da Comissão Internacional sobre Educação para o século XXI)

Um plano de atividades de uma instituição escolar exige sempre, de todos os intervenientes, a troca de ideias, o trabalho em equipa, a partilha e o confronto de opiniões, o aperfeiçoamento individual, a criatividade, fatores fundamentais para a criação de uma “autonomia” no sentido alargado da palavra. Todos estes fatores são “educação” e constituem “os alicerces de um humanismo para o século XXI, a partilhar no oceano da intensa comunicação que caracteriza o tempo próximo” como afirmou Jacques Delors. Vive-se numa época de crise, principalmente na Educação. Busca-se a inovação, a mudança, a transformação, sem acautelar se as medidas contribuem eficazmente para um ensino de qualidade. Educar é ensinar e o professor, como agente principal da mudança, crítico, reflexivo, autónomo, deve levar a sua atuação para além do âmbito disciplinar, possibilitando uma participação consciente dos alunos em todos os espaços educativos. 56 | Anuário ESEQ 2011/2012

As atividades que se apresentam sumariamente neste Anuário representam o esforço de promover a responsabilidade de cada um, alunos e professores, pela sua própria atuação, fomentando o desenvolvimento das capacidades de imaginação e de criatividade. Atualmente, é preciso ser cada vez melhor, desenvolver competências múltiplas, para que todos se possam adaptar a novas circunstâncias e situações. Importa a inteligência mas igualmente a inovação e a criatividade. As iniciativas desenvolvidas fizeram emergir o que de melhor cada um possui, desenvolvendo um espírito cívico, crítico, criativo para alcançar padrões de sucesso e de excelência. As atividades pretenderam incentivar a motivação interna da organização, humanizando-a, levando os alunos a construir o seu percurso, a refletir sobre o meio envolvente, usando a informação que adquiriram para, no futuro, viverem harmoniosamente num mundo em constante transformação.


EXPOSIÇÕES

Exposição Montra de Artes ESEQ Diana Bar

Exposição Montra de Artes ESEQ Diana Bar

Exposição Montra de Artes ESEQ Diana Bar

Anuário ESEQ 2011/2012 | 57


Exposição Montra de Artes ESEQ Diana Bar

Exposição Montra de Artes ESEQ Diana Bar

Exposição Iconoplastas

58 | Anuário ESEQ 2011/2012

Exposição Montra de Artes ESEQ Diana Bar

Exposição Iconoplastas


Exposição 200 Anos do Nascimento de Charles Dickens

Exposição 200 Anos do Nascimento de Charles Dickens

Leitura em Inglês 200 Anos do Nascimento de Charles Dickens

Exposição Dia dos Namorados

Exposição Dia dos Namorados

Anuário ESEQ 2011/2012 | 59


EFEMÉRIDES

Comemoração Dia Mundial da Dança

Comemoração Dia Mundial da Dança

Comemoração Dia Mundial da Filosofia

60 | Anuário ESEQ 2011/2012

Comemoração Dia Mundial da Dança

Comemoração Dia Mundial da Filosofia


Sons, Sabores e Saberes de Natal Aspeto de mesa de turma

Sons, Sabores e Saberes de Páscoa Plantação da árvore da primavera

Sons, Sabores e Saberes de Páscoa Aspeto de mesa de turma

Sons, Sabores e Saberes de Natal Aspeto de mesa de turma

Sons, Sabores e Saberes de Páscoa Aspeto de mesa de turma

Anuário ESEQ 2011/2012 | 61


Exposição Educação Especial ESEQ Escola Flávio Gonçalves

Comemoração Halloween

Feira dos Namorados Sala de convívio da ESEQ

62 | Anuário ESEQ 2011/2012

Comemoração Halloween


Árvore dos Desejos

Árvore dos Desejos

Exposição Dia Europeu das Línguas

Dia Europeu das Línguas Grupo de trabalho

Dia Europeu das Línguas Atribuição de Prémios

Anuário ESEQ 2011/2012 | 63


PÁGINA ESEQ O Comércio da Póvoa ESPAÇO ESEQ

Página mensal de divulgação das actividades da Escola Secundária Eça de Queirós ANO III | Nº29 - Setembro de 2011 Coordenação: Arnaldo Pedro e Luís Nogueira

perpetuar simbolicamente a essência da ESEQ como espaço de saber e afectos. A convidada deste mês é Zulmira Linhares, professora aposentada, aluna da ESEQ nos anos lectivos de 1945/46 a 1949/50.

ANTIGOS ALUNOS ESEQ Zulmira Linhares Numa história rica de mais de 100 anos, que se confunde com a vida da Póvoa de Varzim e cidades vizinhas, a ESEQ foi abrigo de sucessivas gerações de estudantes que aqui deram os primeiros passos rumo às suas carreiras profissionais. Quem foram? O que sentiram na vivência desta instituição? Qual o peso da escola nas suas vidas? Esta secção pretende, através do resgate das memórias de alguns ex-alunos,

Sinto saudades… Sinto saudades dos cinco anos em que frequentei “O Liceu Eça de Queiroz”, situado na actual rua Almirante Reis, praticamente paredes meias com Vila do Conde. É conhecido por “antiga fábrica do gás”. Sinto saudades dos meus devotados professores, da alegre e desinteressada camaradagem vivida dentro e fora das aulas, do generoso acompanhamento e protecção quase paternal dos funcionários, das variadas e múltiplas brincadeiras no espaço do recreio, rigorosamente separado do dos rapazes por uma rede… Sinto saudades dos saborosos e coloridos chupas-chupas do “Franquelim dos caramelos”, figura típica poveira que, pontualmente encostado ao muro do passeio oposto à entrada do Liceu, apregoava: “Cada cor seu paladar”. Não posso deixar de evocar o seu rosto, resplandecente de alegria ao ver-se envolvido pela nossa juventude irrequieta… Não se importava de vender muito, pouco ou nada… Queria apenas sentir o frenesim duma conversa animada ou de uma ingénua ou, por vezes, mais atrevida brincadeira… Isto foi engraçado… O meu saudoso professor de português, Dr.

Luís Bacelar Ferreira, figura distinta, com as suas barbas grisalhas e eruditas lunetas, distinguia-se pela sua profunda cultura e espírito de humor – ensinava a brincar. Assim, os alunos mantinham-se tranquilamente motivados durante toda a aula. Quando começámos a estudar a peça garretteana “Frei Luís de Sousa”, dizia-nos, incisivamente: “Garrett escreve-se com dois tt. Leiam, pelo menos, um”. Sempre soube pronunciar Garrett e devo-o, sem dúvida, à sua incansável pertinência. Além de didáctica, esta advertência perdura na minha mente como um momento de inesquecível humor. Professores de quem guardo boa memória… Tive excelentes professores!... Já referi, noutro contexto, o Dr. Luís Bacelar Ferreira. No entanto, também não posso deixar, nesta rubrica, de o recordar como um professor erudito e um grande defensor do ensino do Latim nas Escolas. Relembro também o Dr. Vaz de Carvalho, professor de Francês: muito, mas muito exigente. Ninguém se atrevia a entrar na aula sem os trabalhos de casa feitos e os significados tirados do texto seleccionado para o dia seguinte. Resultado: a melhor nota das provas escritas do 5.º ano foi precisamente à disciplina de Francês. Recordo com saudade e admiração a bondosa D. Lucília Socorro, professora de Canto Coral; pela sua competência a D. Adelaide Peixinho, professora de Inglês; o Dr. Elíseo de Ciências Naturais: homem sábio, humano…; e o Dr. Atílio que, certamente, está na memória

EDIções anteriores do ESPAÇO ESEQ EM:

WWW.ESPACOESEQ.BLOGSPOT.COM

de todos aqueles que foram seus alunos na disciplina de História. Se eu fosse ministro da Educação… Os exames de Português e de Matemática começavam no 4.º ano. Sempre que houvesse mudança de ciclo os alunos deveriam ser submetidos a provas escritas das já referidas disciplinas. Não descuraria a criação de cursos técnicos e profissionais devidamente programados, tendo sempre em conta a qualidade para ingresso no mercado de trabalho. Haveria aulas de civismo para os pais que delas necessitassem, em horário pós–laboral. É urgente combater, sem tréguas, o facilitismo e concorrer para que os professores recuperem a autoridade perdida, condições indispensáveis ao sucesso escolar. A minha mensagem aos actuais alunos da ESEQ... Respeitem os professores, estejam atentos nas aulas, participem, e quando tiverem dificuldades coloquem-nas ao professor da disciplina. Com coragem e determinação esforcem-se por nunca ir para a aula seguinte sem a matéria da aula anterior ter sido devidamente estudada. Organizem-se de maneira a saberem conciliar o estudo com o lazer. Respeitem, também, os colegas, assim como os atenciosos funcionários da escola. Sejam alegres e muito felizes. A ESEQ numa palavra… Uma Escola de prestígio

ESPAÇO ESEQ

ANTIGOS ALUNOS ESEQ Tavares Moreira Numa história rica de mais de 100 anos, que se confunde com a vida da Póvoa de Varzim e cidades vizinhas, a ESEQ foi abrigo de sucessivas gerações de estudantes que aqui deram os primeiros passos rumo às suas carreiras profissionais. Quem foram? O que sentiram na vivência desta instituição? Qual o peso da escola nas suas vidas? Esta secção pretende, através do resgate das memórias de alguns ex-alunos, perpetuar simbolicamente a essência da ESEQ como espaço de saber e afectos. O convidado deste mês é José Alberto Tavares Moreira, economista, aluno da ESEQ nos anos lectivos de 1955/56 a 1961/62. Sinto saudades… Com natural nostalgia, recordo os tempos já longínquos em que diariamente calcorreava – muitas vezes em “passo de corrida” para não

Nunca como agora as desculpas para não consumir cultura pareceram tão válidas. É a velha questão… Cortar por cortar, começa-se pelo “não essencial”. Mas desengane-se o leitor. Esta rubrica pretende ser a prova de que com muita imaginação, vontade e poucos euros no bolso, se pode continuar a manter hábitos culturais. No corrente ano, convidamos alguns amigos a fazer um exercício de economia criativa. O desafio? Com um orçamento máximo de 25 euros sugerir a aquisição de três bens culturais. O mago das finanças domésticas deste mês é Daniel Curval, responsável pela secção de audiovisuais da Biblioteca Municipal Rocha Peixoto.

UMA TARDE NA BAIXA DO PORTO POR 25€ É possível passar uma agradável tarde numa das cidades mais belas da Europa, O Porto, sem necessidade de recorrer aos aviões low cost, bastando para isso apanhar o metro, transporte público que deveria oferecer um tempo de viagem mais curto que os 55 minutos entre a Póvoa de Varzim e a estação da Trindade. Por isso, aproveito sempre essa viagem para ler, e digo-vos é um dos meus espaços preferidos para me dedicar à leitura, pois nesse espaço-tempo faço sempre duas viagens, uma física no próprio veículo do metro e outra no livro que entretanto leio. Para esta viagem de ida e volta de metro são necessários subtrair 5€ (muito caro) ao valor definido para uma tarde de flâneur pelas ruas da baixa do Porto. Chegado à estação da Trindade tomo o caminho que me leva ao bairro dos livros, à zona das livrarias e alfarrabistas que fica entre as ruas da Cedofeita e as adjacentes aos Clérigos. Num desses alfarrabistas encontro um dos livros da minha vida “Coração, solitário caçador” (The Heart Is a Lonely Hunter, 1940) da genial Carson McCullers. Este é um daqueles livros que compro repetidamente para oferecer, por

apenas 5€, consegue-se a edição de bolso das Publicações Europa-América com a excelente tradução de José Rodrigues Migueis. Continuo na rota das livrarias, mas impedido pelo valor imposto para gastar, limito-me a ver as capas e a folhear alguns livros, memorizando alguns títulos para próximas visitas. Sobram-me 15€ para adquirir um dvd e um cd, coisas que juntamente com os livros costumo carregar na mochila. Mas antes disso e de borla ainda vou ver as exposições de fotografia que se encontram patentes no Centro Português de Fotografia. Um excelente espaço para a fotografia, instalado nas antigas instalações da Cadeia da Relação à Cordoaria. Um sítio que merece toda a divulgação e que aconselho vivamente visitar, seja o rigor granítico do espaço como as exposições de fotografia é tudo gratuito. E assim se desfruta uma excelente hora. O passeio, numa tarde de sol, pelas ruas da baixa do porto e a visita às exposições no CPF fazem despertar a sede, então nada como uma paragem numa esplanada dos Aliados para uma refrescante cerveja, onde se gasta 1,5€ e estamos numa das praças mais lindas de Por-

tugal. Depois do descanso, já temos a energia suficiente para subir a íngreme rua 31 de Janeiro até à praça Batalha, e de seguida à famosa rua Santa Catarina onde se localiza a loja da multinacional que explora mercados da cultura e onde ainda vendem, por enquanto, CD’s e DVD’s e alguns livros. Aqui deve-se sempre procurar os preços mínimos e ver se lá aparece alguma relíquia. Cool, encontro um dos clássicos discos de Jazz “Kind of Blue” (1959) de Miles Davis por 8€. Dirijo-me aos filmes, sempre gostei das primeiras obras dos cineastas de quem acompanho o percurso, um deles é o Norte-Americano Hal Hartley, que faz filmes indies de autor que mais parecem Europeus, e por 5€ o DVD do seu primeiro filme, também irá para a mochila, a intrigante e estranha comédia “A Incrível Verdade” (The Unbelievable Truth, 1989). Chego ao final da tarde carregando na mochila um livro, um disco e um filme por apenas 18€, somando os 5€ do metro, mais 1,5€ da cerveja, totaliza 24,5 Euros. Ainda me sobram 50 cêntimos para uns rebuçados, que adoçarão a leitura durante a viagem de regresso de metro. Daniel Curval

Nunca como agora as desculpas para não consumir cultura pareceram tão válidas. É a velha questão… Cortar por cortar, começa-se pelo “não essencial”. Mas desengane-se o leitor. Esta rubrica pretende ser a prova de que com muita imaginação, vontade e poucos euros no bolso, se pode continuar a manter hábitos culturais.

5º CONCURSO DE VÍDEO ESCOLAR 8 E MEIO 4 e 5 de Novembro 2011

64 | Anuário ESEQ 2011/2012

WWW.ESPACOESEQ.BLOGSPOT.COM

mos em cadeiras contíguas, depois de durante vários minutos termos tentado conter o riso, explodimos numa gargalhada estrondosa, provocando a natural ira do Prof. Valentim que veio por ali abaixo e nos expulsou da aula! Saímos a correr da sala, cumprindo a ordem de expulsão sem hesitar e, quando a porta da sala de aula se fechou, estivemos durante alguns minutos em gargalhada incontida, para espanto dos contínuos de serviço que estavam habituados a ver os alunos expulsos cabisbaixos e tristes... Quando conseguimos finalmente conter as gargalhadas, combinamos que, mal a aula terminasse deveríamos pedir desculpas ao Prof. Valentim pelo sucedido, inventando uma qualquer justificação que já não recordo... Quando nos aproximávamos do Prof. para lhe apresentar o pedido de desculpas, fomos acometidos de um riso incontrolável e voltamos a correr para trás, não fossemos piorar ainda a situação... E o pedido de desculpas ficou para sempre por concretizar! Professores de quem guardo boa memória… De muitos professores guardo uma gratíssima recordação, por razões as mais diversas, podendo citar os seguintes (1) Prof. Énio Ramalho (inglês), (2) Luís Amaro (francês), (3) Mário Fiúza da Silva Pinto (Português), (4) Conceição Marques (História e Filosofia), (5) Orlando Taipa (Filosofia e Psicologia), (6) Godofredo Sequeira (Canto Coral), (7) José Queirós (História), (7) Marília Correia (Física e Química), (8) Monsenhor Pires Quesado (Religião e Moral), (9) Octávio Henriques de Carvalho (Educação Física), (10) Rafael Cortada (Matemática)... e tantos outros, muitos deles já falecidos. Se eu fosse ministro da Educação… Eu não poderia ser ME pela simples razão de não ter competência para exercer o cargo, des-

conheço no essencial a máquina que gere o sistema público de educação embora, através de imensos testemunhos que tenho recolhido, me pareça tratar-se de uma organização pesadíssima e muito ineficiente na utilização dos recursos que o Estado despende nesta função... se um dia por manifesto lapso lá chegasse, poderia ser tentado a “entrar a matar”, acabando muito provavelmente por “sair tosquiado”... exemplos disso não faltam, compreendo por isso o estilo pouco “tonitroante” do actual titular... A minha mensagem aos actuais alunos da ESEQ... A minha mensagem é a mais simples possível: (i) procurem trabalhar disciplinadamente, ao longo de todo o ano, não apenas nas épocas de provas/exames e (ii) procurem cultivar uma metodologia de trabalho que consiste em extrair dos textos de estudo todas as ideias que lá se encontram expressas bem como o seu sentido exacto. Para isso, leiam os textos uma, duas, três, ou mais vezes se necessário, assinalando devidamente cada passagem, até se certificarem de que já apanharam todo o significado do mesmo. Organizem mesmo o texto por um método próprio, de forma esquemática, para se assegurarem de que aquilo que perceberam tem lógica e pode ser explicado, por vocês mesmos, a qualquer outra pessoa. Isto serve tanto para textos jurídicos, de história, de física ou de matemática... A ESEQ numa palavra… Numa palavra, um Estabelecimento de ensino que me merece o maior respeito, pelo qual passaram tantas gerações de estudantes que se transformaram, com a ajuda da Escola, em cidadãos e cidadãs honrados deste País à beira mar plantado...

No corrente ano, convidamos alguns amigos a fazer um exercício de economia criativa. O desafio? Com um orçamento máximo de 25 euros sugerir a aquisição de três bens culturais. O mago das finanças domésticas deste mês é Isaque Ferreira, declamador. AGENDA CULTURAL PESSOAL PARA 23 DE DEZEMBRO DE 2011 16:00 h. Passar na livraria, levantar o livro encomendado, “Os passos em volta” de Herberto Helder, 10ª edição da Assírio & Alvim. É um livro perturbador na aparência, robusto na sua capa dura e excêntrico na sua cor laranja, para falar só do exterior (13,50€). 16:30 h. Comprar os milhos artesanais (2,95€) na Coquelicot delicatessen da Rua da Ponte. Levar trocado para contornar o bulício da épo-

ca. Se demorar um pouco mais, antever alguma prenda de última hora. 17:00 h. Sair da loja e, em meia dúzia de metros, alcançar o Café Ritz. Pedir um abatanado (0,60€) e acompanhar com os milhos. Começar a leitura e a viagem. Quando chegar à página 53 transcrever, num pedaço de cartão canelado (rectângulo 17x12 cm.), aproveitado de uma caixa de sapatos, da 5ª à 11ª linhas. Caligrafia esmerada para que a mensagem passe. No reverso do cartão escrever o endereço do Esgar Acelerado e juntar o selo (0,32€) ensalivado, esse processo antiquíssimo de deixar marca. Há, até, uma série de selos com os queijos portugueses que trará mais afecto ao gesto. Isto é iniciar a mail art (ver Fabio Sassi ou Costa Pinheiro ou Ray Johnson ou). Não esquecer de desejar bom 2012.

20:00 h. Fazer pausa na leitura para jantar. Solicitar uma sandwich americana e um fino (3,40€). 22:00 h. Seguir para o bar cultural d’ A Filantrópica, que fica 200 metros. Passa o “Nosferatu, Eine Symphonie des Grauens” de F. N. Murnau, com música ao vivo dos BiarooZ (3,00€). No fim, boa discussão, entre amigos temperada com um fino (1,00€). 01:30 h. Voltar a casa ouvindo, no carro, “Animal” dos Osso Vaidoso (download 100% grátis e legal). Pelo mesmo preço: Governo, The Portugals, Linda Martini, At Freddy’s House, Noiserv, Mazgani, etc. 02:00 h. Dormir, quando o sono vier. Retomar as leituras, se demorar. Feito o somatório, fica tudo por 24,77€ e ainda há milhos e leitura para o pequeno almoço. Boas festas.

Mais uma vez, o Diana Bar foi palco escolhido para as sessões de fecho da 5ª edição do Concurso de Vídeo Escolar 8 e Meio, organizado pelo clube de cinema da nossa escola. Este ano a tarefa de escolher os premiados das Categoriais Geral e de Animação, foi da responsabilidade de um Júri constituído por Jaime Neves, professor universitário na Escola das Artes da Universidade Católica Portuguesa, Davide Freitas, coordenador de produção da Animar e Solar - Galeria de Arte Cinemática da Curtas Metragens CRL. e Luís Grifu, professor universitário, investigador sobre marionetas virtuais

e profissional em Multimédia e Audiovisuais. Este júri teve a tarefa de visionar os 65 filmes que se apresentaram a concurso, e deliberar da atribuição dos prémios em disputa. O Prémio ESEQ, atribuído ao melhor filme realizado por alunos da Escola organizadora do Concurso, foi atribuído por um júri composto pelas professoras da ESEQ, Natália Pereira e Alexandra Neiva. Durante os dois dias do evento, foram muitos os que acorreram ao Diana Bar, para testemunhar o talento que os jovens estudantes portugueses exibem na manipulação da linguagem do cinema, sendo opinião geral, que

os filmes apresentados na velhinha instituição cultural poveira deixam esperanças e confiança num futuro risonho da 7ª arte portuguesa. Com a missão de exibir e premiar os filmes a concurso nesta 5ª Edição concluída, o Clube 8 e Meio agradece aos alunos participantes, principais motores do êxito desta iniciativa, às instituições que nos apoiam, principalmente à Câmara Municipal da Póvoa de Varzim e, como não podia deixar de ser, ao público presente, que emprestou o colorido, sempre bem-vindo, a estes momentos. Palmarés completo do concurso em: www.8emeio.tumblr.com

[www.eseq.pt]

Espaço ESEQ Dezembro 2011

CAMPANHAS

Campanha Net Segura

EDIções anteriores do ESPAÇO ESEQ EM:

chegar atrasado – o percurso entre o terreiro (naquele tempo) do Largo das Dores, onde residia com meus saudosos Pais, e o Liceu Nacional da Póvoa de Varzim, assim se chamava nesse tempo a actual ESEQ... Recordo também as aulas, do 1º ao 7º ano da época (divididos em 3 ciclos - o 1º ciclo compreendendo o 1º e 2º anos, o 2º ciclo do 3º ao 5º ano e o 3º ciclo com os 6º e 7º anos)... E recordo ainda, se me é permitida a imodéstia, as boas notas obtidas durante esse trajecto escolar, que me permitiram dispensar sempre das provas orais nos exames nacionais, com excepção da cadeira de Filosofia, no 7º ano... Isto foi engraçado… Do que foi engraçado, posso relembrar um momento de extraordinária comicidade ocorrido numa aula de geografia, salvo erro no 3º ano, com o Prof. Valentim, uma pessoa muito peculiar, que depois de uma carreira militar resolveu passar, já um pouco tardiamente para a careira docente. O Prof. Valentim, uma excelente criatura mas um mau pedagogo, passava as aulas praticamente a ler o livro oficial da disciplina... mas procurando fingir que não lia, pelo que frequentemente hesitava nesse exercício disfarçado de leitura... para o ajudar nessas hesitações lançava mão da expressão “não é verdade”, que pronunciava de forma abreviada “n’é verdade” a que nós achávamos tanta graça que até contávamos as vezes em que usava a expressão... Acontece que num belo dia em que o Prof. Valentim teria a lição menos bem estudada, foi uma tragédia... os “n’ é verdade” sucediam-se a um ritmo avassalador, íamos a meio da aula e já tínhamos contado mais de 60 “n’ é verdade”... O Firmino Branco Rodrigues (saudoso e querido colega já falecido) e eu, que apreciávamos particularmente aquela história e nos sentáva-

[www.eseq.pt]

Espaço ESEQ Setembro 2011

Página mensal de divulgação das actividades da Escola Secundária Eça de Queirós ANO III | Nº32 - Dezembro de 2011 Coordenação: Arnaldo Pedro e Luís Nogueira Colaboração: Assunção Gomes

Campanha Solidariedade


LANÇAMENTO JORNAL “ECOS”

Apresentação Jornal ECOS Diana Bar

Capa Jornal ECOS

Página Jornal ECOS

Apresentação Jornal ECOS

Anuário ESEQ 2011/2012 | 65


CLUBE 8 e MEIO

O cinema não tem fronteiras nem limites. É um fluxo constante de sonho. Orson Welles

De muitas atividades se fez mais um ano na história do clube de cinema 8 e meio da ESEQ. Os Filmes de Culto trouxeram de novo um pequeno travo de transgressão às escolhas cinéfilas dos responsáveis do clube. Manoel de Oliveira, Marco Ferreri, Luís Buñuel, Marjane Satrapi/ Vincent Paronnaud, Emir Kusturica e Veit Helmer, foram 66 | Anuário ESEQ 2011/2012

os cineastas convocados para estas sessões, exibidas no Bar Cultural da Filantrópica, numa frutuosa colaboração entre o nosso clube e esta dinâmica instituição poveira. Os ciclos de cinema foram desde o início a vocação do Clube 8 e Meio. É neste trabalho (paciente) de programação a longo prazo, que melhor se pode desenhar um espaço de reflexão/fruição, alicerçado em algumas das mais representativas obras do espólio centenário do cinema. Neste ano letivo, decidimos revisitar as cinematografias francesa, inglesa e espanhola, num claro propósito de as ligar às línguas lecionadas na ESEQ. VIVE LA FRANCE!, ¿CINE - VALE? e UK HURRAY foram os títulos de recurso, visando ligar as sessões ao espírito dos países anfitriões. A exposição de artes plásticas Histórias do Cinema, realizada pela quarta vez na galeria da Biblioteca Municipal Rocha Peixoto, voltou a cumprir o propósito original. Convocados cinquenta amigos do clube (entre ilustradores, professores, arquitetos, pintores, etc.), foi tempo de espalhar mais uma vez a magia do cinema pelas salas da Biblioteca, explorada em sugestivos apontamentos visuais que fazem destas exposições, momentos de grande expressão cinéfila. Iniciando-se no ano letivo 2006/2007 como uma atividade dirigida apenas aos alunos da ESEQ, o Concurso de Vídeo Escolar percorreu um longo caminho, e apresentou a sexta edição, dedicada novamente a todas as escolas do ensino secundário português. Mais de meia centena de filmes rececionados, com uma qualidade média assinalável, demonstraram claramente a vitalidade deste projeto, que é hoje unanimemente reconhecido como um dos mais sólidos do universo dos projetos educativos nacionais. Poderia ser um momento de júbilo para o clube, mas uma aproximação imediata à realidade do ensino português (com as constantes ameaças sobre o tempo de qualidade dispensado pelo Ministério da Educação a estes projetos extracurriculares) aconselha-nos a uma prudente expectativa, com os votos de que seja, no entanto, possível continuar a levar estes sonhos em película aos nossos alunos e possamos continuar a comover-nos perante tão valoroso espólio de emoções. Bem hajam, todos os que tornaram possível mais este ano do Clube 8 e Meio!


PALMARÉS VI CONCURSO DE VÍDEO ESCOLAR 8 e MEIO 1.º PRÉMIO CATEGORIA GERAL

2.º PRÉMIO CATEGORIA GERAL

PRÉMIO ESEQ

PRACETA Daniel Figueiredo Esc. Artística de Soares dos Reis, Porto

ERMO Sofia Santos Esc. Artística de Soares dos Reis, Porto

TRÊS EM DOIS E MEIO Sofia Neves ESEQ, Póvoa de Varzim

1.º PRÉMIO ANIMAÇÃO

2.º PRÉMIO ANIMAÇÃO

PRÉMIO PÚBLICO

A CAÇADA

SE O ARREPENDIMENTO MATASSE José Marques Esc. Sec. José Régio, Vila do Conde

FOLIE À DEUX Emanuel Malveiro Esc. Artística de Soares dos Reis, Porto

Histórias do Cinema 4 Agosto 2012

Ciclo UK Hurray! Janeiro - Março 2012

Bárbara Vilaverde, Felícia Amorim, Maria Luísa Morant, Mélanie Fernandes, Patrícia Barros, Sara Teixeira, Vanessa Barreto, Vânia Brito e Vitor Sá

Esc. Sec. de Arcos de Valdevez

Noites de Culto Maio 2012

Anuário ESEQ 2011/2012 | 67


INTERCร‚MBIO PEN-PALS TURQUIA

Pen-Pal ESEQ Grupo de trabalho

Pen-Pal Escola de Fen Lisesi Adana, Turquia

68 | Anuรกrio ESEQ 2011/2012


ESCRITORES NA ESEQ

Olimpíadas de Escrita Diana Bar

Vista geral Olimpíadas de Escrita Diana Bar

Olimpíadas de Escrita Diana Bar

Correntes d’escrita Jaime Rocha, João de Melo, José H. Lima (ESEQ) e Onésimo T. de Almeida

Correntes d’escrita Visão geral Auditório ESEQ

Correntes d’escrita Palestra revista Ler

Correntes d’escrita Palestra revista Ler

Anuário ESEQ 2011/2012 | 69


LEITURA NON-STOP O FILHO DE MIL HOMENS de Valter Hugo Mãe A Associação de Pais da ESEQ dinamizou a atividade Leitura non-stop da obra “O filho de mil homens” de Valter Hugo Mãe. A iniciativa contou com a presença do autor, a colaboração de professores, pais e membros da comunidade local. Os alunos de Artes Visuais ilustraram excertos da obra que estiveram patentes numa exposição coletiva na Biblioteca Municipal Rocha Peixoto. Leitura pelo autor Átrio da ESEQ

Exposição Biblioteca Municipal Rocha Peixoto

Quadro vivo da obra Biblioteca Municipal Rocha Peixoto

70 | Anuário ESEQ 2011/2012

Conferência com Valter Hugo Mãe Biblioteca Municipal Rocha Peixoto

Exposição Valter Hugo Mãe com aluna ESEQ


SEMANA DA LEITURA SEMANA DA LEITURA 2012

Linhas e entrelinhas ESEQ 30 DE ABRIL [2.ª FEIRA] AUDITÓRIO 10H05: CONFERÊNCIA “LINHAS DE INTERVENÇÃO POLÍTICA NA PÓVOA DE VARZIM: O POVEIRO SANTOS GRAÇA” (DR. FERNANDO SOUTO) 2 DE MAIO [4.ª FEIRA] AUDITÓRIO 11H50: PALESTRA / DEBATE “LINHAS DO PENSAMENTO” (DR.ª ARLETE BRITO) 3 DE MAIO [5ª FEIRA] AUDITÓRIO 10H05: CONFERÊNCIA “LINHAS DA MEMÓRIA” (DR.ª DEOLINDA CARNEIRO E DR. JOSÉ FLORES - MUSEU MUNICIPAL) AUDITÓRIO 13H30: “LEITURA NA LINHA” – ATELIÊ DE LEITURA E ILUSTRAÇÃO (ESGAR ACELERADO) 4 DE MAIO [6ª FEIRA] AUDITÓRIO: 10H05: CONFERÊNCIA “NA LINHA, EM SAÚDE” (DR.ª RAQUEL GERALDES – A BENEFICENTE)

Conferência Linhas de Intervenção Política Prof. Fernando Souto

EXPOSIÇÃO TEMPORÁRIA BIBLIOTECA: “NA LINHA DOS TÍTULOS”

Conferência Linhas de Intervenção Política Prof. Fernando Souto

Conferência Linhas da Memória Arqueólogo José Flores e Dr.ª Deolinda Carneiro

Anuário ESEQ 2011/2012 | 71


Ateliê Leitura na Linha

Ateliê Leitura na Linha Esgar Acelerado

Conferência Linhas do Pensamento Prof.ª Arlete Brito

Conferência Na Linha, em Saúde Auditório ESEQ

72 | Anuário ESEQ 2011/2012

Conferência Na Linha, em Saúde Dr.ª Raquel Geraldes


Exposição Na Linha dos Títulos

Exposição Na Linha dos Títulos

Exposição Na Linha dos Títulos

Anuário ESEQ 2011/2012 | 73


PALESTRAS

Speaking Summit Momento de representação

Speaking Summit Momento de apresentação

Palestra Back to School Dr.ª Paula Campos

Palestra Literacia Financeira e Crédito Responsável

74 | Anuário ESEQ 2011/2012


MOSTRA INSTITUIÇÕES/FÓRUM SAÍDAS PROFISSIONAIS

Stand Mostra de Instituições do Ensino Superior Sala de Convívio ESEQ

Stand Mostra de Instituições do Ensino Superior Sala de Convívio ESEQ

Stand Mostra de Instituições do Ensino Superior Sala de Convívio ESEQ

Espaço ESEQ Fórum de Saídas Profissionais Diana-Bar

Anuário ESEQ 2011/2012 | 75


VISITA DE ESTUDO

Visita de Estudo Fábrica Social Fundação José Rodrigues Grupo ESEQ

Visita de Estudo Fábrica Social Fundação José Rodrigues Grupo ESEQ

Visita de Estudo Fábrica Social Fundação José Rodrigues Grupo ESEQ

Visita de Estudo Salamanca

Visita de Estudo Salamanca Fotografia de grupo

76 | Anuário ESEQ 2011/2012


OUTRAS ATIVIDADES

Aula de Yoga Ginásio 1

Construção de Carro Solar

Hotel Hotel Teatro em Inglês Auditório Municipal

Clube Torneio de Xadrez BLAO

Festa de Encerramento Escola da Minha Vida Alunos ESEQ, Pavilhão Municipal

Festa de Encerramento Escola da Minha Vida

Anuário ESEQ 2011/2012 | 77


TORNEIOS DESPORTIVOS

Corta-mato Distrital Parque da cidade, Porto

Corta-mato Distrital Parque da cidade, Porto

Torneio de Voleibol

78 | Anuรกrio ESEQ 2010/2011

Corta-mato Concelhio Parque da cidade, Pรณvoa de Varzim

Torneio de Voleibol Ginรกsio 1, ESEQ


Clube de Badminton Desporto escolar

Torneio de Badminton Alunos vencedores

Torneio de Natação Grupo feminino ESEQ

Torneio de Natação Piscinas Municipais

Torneio de Natação Grupo ESEQ

Anuário ESEQ 2011/2012 | 79


Cantina do Liceu Nacional da P贸voa de Varzim Almo莽o de alunos finalistas e familiares no ano letivo de 1952/1953

Cantina do Liceu Nacional da P贸voa de Varzim Almo莽o de alunos finalistas e familiares no ano letivo de 1952/1953


CELEBRANDO 60 ANOS (RE) CONSTRUIR A HISTÓRIA DA ESEQ

O

atual edifício da Escola Secundária Eça de Queirós tem 60 anos. A inauguração do edifício decorreu a 18 de outubro de 1952, pelas 15 horas, com a visita dos poveiros que acorreram em grande número. Sessenta anos de evolução e de construção, já que o edifício inicial de 1952 sofreu algumas alterações arquitetónicas como a construção de alas a nascente e poente para responder às solicitações do número crescente de alunos, de adaptação a novos desafios e a novas necessidades. O Diário do Governo de um sábado, 24 de novembro de 1945, consagra a verba necessária : “5:000.000$ para o novo edifício do Liceu Eça de Queirós na Póvoa de Varzim, pronto a funcionar com todo o seu mobiliário e material de ensino” frisando que “ O Liceu continuará a ser de frequência mixta e terá lotação normal de nove turmas” e que “será construído em terreno cedido pela Câmara Municipal devidamente urbanizado e que reúna as condições necessárias.” No jornal “Ala-Arriba” desse dia lê-se: “O NOVO LICEU É HOJE INAUGURADO Não há ruas engalanadas. Não há festejos populares. Não há cortejos nem música, nem fogo a atroar constantemente os céus da Póvoa, desde só o quantum satis. Contudo é grande o dia que hoje alvoreceu. É grande e memorável. É memorável e digno de ficar assinalado a letras de oiro nas Páginas da história local. Dispensam-se exteriosidades ruidosas para que os nossos corações se ergam, para que as nossas almas se entusiasmem, para que a alegria transborde e se manifeste, e para que a gratidão poveira, tão sincera e tão genuína, brote abundante e suba e se espalhe e chegue onde deve chegar. (…) Quantas vezes não vimos ameaçado de extinção o nosso Liceu, que conta cerca de 50 anos e tanto

custou a criar e a manter nos primeiros anos da sua existência? (…) Hoje podemos exultar, pois que aí temos o magnífico Liceu constituído por três corpos unidos de dois pavimentos, com fachadas imponentes para sul, poente e norte e um corredor coberto de nascente, circundado por jardins e campos de jogos, com amplo recinto de recreios no centro do conjunto da construção, dotado de ginásio e sala de espectáculos e de óptimas salas de aula, laboratórios, gabinetes, copa, cantinas, cozinha, etc, construído com todo o requisito e perfeição e excelentes materiais.” Num outro artigo de primeira página do mesmo jornal datado de 25 de outubro, oito dias após a inauguração, o repórter assinala: “ A INAUGURAÇÃO DO NOSSO LICEU FOI BRILHANTE E DE ALTO SIGNIFICADO Estávamos muito longe de supor que revestisse tão singular importância e imponência o acto de inauguração do novo edifício do nosso Liceu Nacional, realizado no pretérito sábado. Não só acorreram a tomar parte na cerimónia, a todos os títulos brilhante e de alto significado, as personalidades de fora e da nossa terra(…). Na verdade, o público para dar a sua nota característica e demonstrativa do seu interesse por obra tão notável e para conhecer de visu o seu querido Liceu (…) afluiu em massa, encheu literalmente a grande sala do ginásio, deambulou pelos corredores e outras salas e pelos recreios e jardins, tendo ainda ficado cá fora imensa gente e as crianças das escolas primárias nos arruamentos de acesso ao edifício. O Liceu é hoje um facto (…). Bem haja quem soube conquistar para a Póvoa de Varzim mais este benefício, mais este monumento, mais este padrão de progresso e engrandecimento.”

Anuário ESEQ 2011/2012 | 81


RECORDANDO “ O TEMPO QUE JÁ LÁ VAI ! “ Maria da Conceição Seves Gavina Milhazes Aluna: Liceu Nacional da Póvoa de Varzim, 1952 a 1957 Professora: Liceu Nacional da Póvoa de Varzim, 1963/1964 e na Escola Secundária de Eça de Queirós, 1984 a 2007

M

ais de meio século já passou sobre a vinda das/dos jovens de então para o Liceu Nacional da Póvoa de Varzim, atual Escola Secundária Eça de Queirós. Tudo era novo: o edifício com o seu ar imponente, o melhor da então Vila, as salas com o seu cheiro característico a madeira nova (que algumas ainda hoje conservam), a cantina toda airosa, um museu aberto com as sua aves e outros animais, onde tudo adquiria uma dimensão diferente, mesmo tratando-se de material trazido do edifício antigo. E um ginásio enorme!... Tudo isto deslumbrava quem vinha de um edifício velho (a ex-Fábrica do Gás), mas….. faltava-nos aquela divisória em rede que separava o recreio masculino do feminino, e por onde se passavam uns papéis enroladinhos com o que tinha saído no teste que nós, meninas, íamos fazer a seguir, ou que nós tínhamos tido e os rapazes iam fazer. Nesta nova casa isso era impossível, porque os recreios eram separados: um interior, para os rapazes, que quase lhes não permitia jogar à bola, e o das meninas, exterior, muito maior e mais livre, no lado nascente. Mas, porém, foi nesta nova casa, que a nossa vertente cultural e solidária se desenvolveu. Recordo um Sarau, no então Cinema Garrett, em favor da Cantina Escolar, do qual constava: o Orfeão, sob 82 | Anuário ESEQ 2011/2012

a direcção do Professor Godofredo Sequeira, que apresentava desde peças populares a clássicas; uma peça de teatro dirigida pelo Professor José Luís Belchior; recitativos; canções pelos artistas, digo, alunos e alunas; e danças populares sob a orientação da Professora de Ginástica, Maria do Rosário Valladares Souto, actual esposa do Professor Dr. Daniel Serrão. O empenhamento e rigor dos alunos e professores envolvidos era tal, que me recordo que nesse Sarau, em “play back”, eu cantava, vestida a rigor, uma das áreas da Ópera Madame Butterfly e no fim do espetáculo alguém da assistência me disse que eu tinha cantado muito bem! (Sem comentários). Mas, a nossa traquinice, característica dos jovens, também nos levava a algumas brincadeiras. Vêm-me à memória as aulas de História pelo Dr. Atílio Alfredo Rego Martins, pessoa de grande saber, mas sem êxito, não na transmissão de conhecimentos, mas no seu resultado final. Era este professor de estatura grande mas magro. O seu amigo inseparável - o sobretudo – era sua companhia até ao fim do ano. As aulas eram exclusivamente expositivas e o professor passeava-se por entre as filas de carteiras, ao mesmo tempo que debitava matéria, tendo num dos bolsos do sobretudo a luva da mão com que fazia gestos enquanto expunha a matéria do dia. A outra

mão, claro, tinha a luva calçada. Facilmente se deduz que isto era a oportunidade ideal para algumas brincadeiras. Tão envolvido estava na sua dissertação, que não se apercebia que à medida que ia andando por entre as carteiras, nós lhe íamos enchendo o bolso sem luva com papelinhos amachucados, ao mesmo tempo que lhe retirávamos a luva sobrante, cujos dedos pendiam do bolso……Mas, eis senão quando uma aluna dizia: ”Sr. Doutor, caiu a luva, está aqui”, ao que ele respondia com o seu característico “bom, bom, bom”, e a aula continuava, enquanto nós acabávamos as palavras cuja última sílaba ele deixava, propositadamente, por concluir. Apesar de estas e muitas outras coisas, este Liceu foi a casa onde nos foram transmitidos valores pela nossa “segunda família”, que nos ajudaram a ser homens e mulheres dignos e cujos ensinamentos ainda hoje guardamos e nos norteiam. O “Liceu Nacional da Póvoa de Varzim” continua a ser a minha casa, porque foi aqui que vivi dos melhores anos da minha vida. .


Atual edifício da Escola Secundária Eça de Queirós Vista nascente-poente (inauguração a 18 de outubro de 1952 pelas 15h)

Construção do atual edifício da Escola Secundária Eça de Queirós Vista nascente-poente (aspeto do andamento da obra)

Anuário ESEQ 2011/2012 | 83


REGRESSO À SAUDADE Manuel Gomes da Torre Aluno: Liceu Nacional da Póvoa de Varzim, 1952/953 Professor: Liceu Nacional da Póvoa de Varzim, 1961/1962

F

oi no final do meu 4.º ano que me despedi da velha Fábrica do Gás. Fazia parte de uma turma que ocupava a única sala de aulas situada no 1.º andar do edifício, por cima da secretaria. Na altura, não tinha consciência clara do desconforto em que com os restantes colegas ia cumprindo aquilo que se esperava de um aluno do secundário. No ano lectivo seguinte, 1952-53, mudámos para o novo edifício, onde tudo era diferente: entrada digna, corredores e salas espaçosos, cheiro a tintas e vernizes, amplas janelas, recreios ordenados. A componente humana era praticamente a mesma: a meu lado estavam os companheiros do ano anterior, como os irmão Graça, filhos do chefe da secretaria, os irmãos Pinto Ferreira, a quem chamávamos Ná (o Fernando) e Du (o Eduardo), o José Azevedo, o Manuel da Cunha Reis, o Zé Manel Mesquita Ramos, o Rui Faria, o Jorge Reis Almeida, o Pinto Machado, o Jacinto Magalhães, o Joaquim Lima Pereira, o Jaime do Paço Quesado, o Zé Manel Costa Reis, o Abílio Vasconcelos, o Manuel Moreira Maia, o José Carlos Silva Ribeiro, o Carlos Rocha, o Pinto Laranjeira, etc. Ao lembrá-los e tendo em conta o que foi o seu posterior percurso de vida, não posso ocultar o grande orgulho de pertencer àquela geração de sucesso: entre os referidos, há médicos, 84 | Anuário ESEQ 2011/2012

engenheiros, altas patentes militares (o General Manuel Maia, por exemplo), juristas (juízes e advogados), figuras de destaque no mundo cultural (Jacinto Magalhães e José Azevedo). e não me venham com o argumento justificativo de que singrámos por sermos oriundos de famílias socialmente privilegiadas, sabendo-se que alguns de nós, talvez a maioria, tínhamos pais quase analfabetos, ou que eram trabalhadores assalariados que sustentavam a família à custa do trabalho duro. Connosco, transitaram os professores a quem tínhamos sido confiados na Fábrica do Gás: os Drs. Atílio Martins, Elísio de Sousa, Novais Andrade, Pinto de Vasconcelos, José Luís Ferreira, José Luís Belchior, Octávio Carvalho, Godofredo Sequeira. Eram, de um modo geral, figuras respeitáveis que se nos impunham e com quem aprendíamos. Um ou outro, como acontecia com o Dr. Elísio e com o Dr. Belchior, desciam ao convívio dos alunos fora da sala de aula: o primeiro estimulando em nós o gosto pelas coisas da natureza, dando-nos conselhos acerca da forma de tratar de animais e aves ou pedindo-nos que caçássemos grilos para alimentar os seus camaleões; o segundo procurando incutir-nos o gosto pelo teatro. Entre nós, talvez aquele que mais se deixou seduzir pelas lições do Dr. Bel-

chior foi o José Azevedo, que dava nas vistas através dos seus escritos. Ainda retenho na memória dois versos (que julgo serem da sua autoria) por ele recitados em público acerca da língua portuguesa: “Última flor do Lácio, inculta e bela, / Disse Bilac da língua portuguesa”. O resto não fixei. No ano lectivo de 1961-62, já licenciado, fiz a minha estreia como professor no nosso Liceu. Passando agora por cima das incertezas e receios dos primeiros passos, foi para mim um momento muito especial da minha carreira voltar à minha terra e à minha escola, reencontrando alguns dos meus antigos mestres e vários dos funcionários que já vinham do “liceu velho”, casos do Sr. Lima e do Sr. Barroso. A tantos anos de distância, a memória nega-se a fornecer-me elementos, eventualmente, mais relevantes para este louvável anuário, mas faço uso da oportunidade para saudar todos aqueles que me acompanharam no trajecto aqui aflorado, tanto aqueles que vou regularmente reencontrando como aqueles que nunca mais se cruzaram no meu caminho. Juntemo-nos uns e outros e, com grande saudade, lembremo-nos dos que já partiram e estão à nossa espera.

(Por opção do autor este artigo não obedece ao novo Acordo Ortográfico.)


Construção do atual edifício da Escola Secundária Eça de Queirós Vista nascente-poente

Construção do atual edifício da Escola Secundária Eça de Queirós Lançamento das primeiras pedras

Anuário ESEQ 2011/2012 | 85


PLANO ANUAL DE ATIVIDADES 2011/2012 Agendas Europa Filomena Pacheco - setemCSPtEducação Sexual / Educação para os Afetos Conceição Prisco e Maria JosĂŠ Martins (Enfermeira do Centro SaĂşde) - 13 setemCSP  t Celebrar o Dia Europeu das LĂ­nguas Professores de lĂ­nguas - 26 a 30 setembro 2011 tDĂ­a la Hispanidad AndrĂŠ Matias, Corina Teixeira, LuĂ­s Fonseca, LuĂ­s Neto e Maria das Dores Silva - 12 outubro 2011 tSessĂŁo formação para delegados turma Albertina Anjo e Margarida Costa Almeida - 19 outubro 2011 t Celebrating Halloween Ă?ris Seixas e Salete Macieira - 27 outubro a 2 novembro 2011 t Porto Cartoon / Museu Soares dos Reis Alexandra e Maria JoĂŁo - 9 novembro 2011 t OlimpĂ­adas MatemĂĄtica Alexandrina Gonçalves e Ana Quinta e Costa - 9 novembro 2011 t Visita estudo Ă Casa Camilo AntĂłnio Ferreira e Margarida Costa Almeida - 11 novembro 2011 tTeste da Bateria “Fitnessgramâ€? Grupo Educação FĂ­sica - 14 a 17 novembro 2011 tDia Mundial da Filosofia Paula Carvalho e Arlete Brito - 17 novembro 2011 tOficina Filosofia para Crianças Paula Carvalho e Arlete Brito 17 novembro 2011 t“Back to Schoolâ€? Assunção Gomes - 30 novembro 2011 tPlanetĂĄrio do Porto AmĂŠlia Pereira, Alice Santos, Augusta Cardoso, Jorge Mesquita, Luiza Costa, Helena Mateus e Paulo Campos - novembro 2011 t Torneio BadmĂ­nton JĂşlio Silva - 10 dezembro 2011 tPlanetĂĄrio do Porto AmĂŠlia Pereira e Helena Fernandes - 12 dezembro 2011 t Torneio Voleibol da ESEQ Grupo Educação FĂ­sica - 13 dezembro 2011 tSabores e Saberes de coco e chocolate Albertina Anjo e Filomena Pacheco t15 dezembro 2011 tĂ rvores AxiolĂłgicas Arlete Brito e Paula Carvalho - 7 a 16 EF[FNCSPtVisionamento da peça “LuĂ­s Vazâ€? FĂĄtima Guedes, Margarida Costa, Isabel Caldas, Isolete Milhazes, AntĂłnio GuimarĂŁes e .BSHBSJEB.BDFEPFKBOFJSPt Visita Ă  Fundação Gulbenkian Maria JoĂŁo AraĂşjo e "MFYBOESB$BSWBMIPKBOFJSPtSessĂŁo formação para Encarregados Educação 10.Âş Ano Albertina Anjo, Margarida Costa e PsicĂłloHB$PODFJĂŽĂ?P1SJTDPBKBOFJSPtCorta mato Concelhio Grupo Educação FĂ­sica e Pelouro do Desporto da Câmara Municipal da 1Ă˜WPB7BS[JNKBOFJSPtPalestra sobre a Educação Sexual Ă?ris Seixas e Carla SeiYBT   KBOFJSP  t  Visionamento da representação teatral “Os Maiasâ€? de Eça QueirĂłs'JMPNFOB1BDIFDPKBOFJSPt Semana da Internet Segura Helena Silva, JosĂŠ Carlos Lima, VIcente Craveiro- 6 fevereiro BGFWFSFJSPtCorta-Mato Distrital do Desporto Escolar JĂşlio Silva e Ricardo 3PESJHVFTGFWFSFJSPtDia S. Valentim / Dia dos Namorados Teresa Cristino, Teresa Moreira, Valdemar Doelinger, Ana Felgueiras, Margarida Coelho, Altina Liberal, Helena SĂĄ, Manuela Vilarinho, Elsa Almeida, Conceição

86 | AnuĂĄrio ESEQ 2011/2012

1SJTDP F 5JBHP 1BDIFDP   GFWFSFJSP  t Mini-exposição dedicada a Charles Dickens (SVQP*OHMĂ?TGFWFSFJSPtEscritores na ESEQ - Correntes d’escritas Maria FilomeOB1BDIFDPGFWFSFJSPtOlimpĂ­adas escrita Maria Filomena Pacheco - 27 fevereiro  t  Educação Financeira e CrĂŠdito ResponsĂĄvel 'ĂˆUJNB #BUJTUB   GFWFSFJSP  t Teatro em InglĂŞs - Hotel Hotel Grupo InglĂŞs GFWFSFJSPt Campanha APARF Isabel -PQFT+BOFJSPFGFWFSFJSPt Compal Air 3x3 +ĂžMJP 4JMWB   NBSĂŽP  t  Corta-mato nacional do Desporto Escolar Ricardo RodriHVFTF+ĂžMJP4JMWBNBSĂŽPtPractical Teaching Ideas Albertina Anjo, Carla Seixas e ÂśSJT 4FJYBT   NBSĂŽP  t PrĂŠmio Traduzir 2012%VMDF$BTFJSBNBSĂŽPtPavilhĂŁo da Ă gua e Jardim Botânico do Porto Manuela Vilarinho, Helena Fernandes, Carlos RodriHVFT F "OB 3PTB 'FSSFJSB   NBSĂŽP  t PavilhĂŁo da Ă gua e Jardim Botânico do Porto Carlos Rodrigues e Helena SĂĄ - 15 março t Praia Lavadores e PavilhĂŁo da Ă gua Maria Altina Liberal, Manuel Rato - 19 março t Jogos Desportivos Municipais Grupo Educação FĂ­sica - 21 março 2012 e 22 março  t Sabores e saberes ovo e chocolate .BSJB'JMPNFOB1BDIFDPNBSĂŽPtA Arte e a ReligiĂŁo Arlete Brito e Paula Carvalho   NBSĂŽP  t Torneio Badminton da ESEQ(SVQP&EVDBĂŽĂ?P'Ă“TJDBNBSĂŽPt Ă rvore dos desejos - Essa Ă rvore EmĂ­lia SubiEBF.BSJB+PTĂ?'SVUVPTPNBSĂŽPtVisita Diverlanhoso Isabel Lopes - 23 março t Visita Ă X Mostra da Universidade do Porto CDT, SPO e diretores turma do 12.Âş Ano NBSĂŽPtParque BiolĂłgico Gaia TereTB $SJTUJOP F .BOVFM 3BUP   NBSĂŽP  t PavilhĂŁo da Ă gua e Jardim Botânico do Porto Helena Mateus e Helena SĂĄ - 23 março 2012 t PavilhĂŁo da Ă gua e Jardim Botânico do Porto0MHB4JMWBF"MJDF%JBTNBSĂŽPt AnuĂĄrio 2010/2011 Maria Filomena Pacheco F "SOBMEP 1FESP t  It’s Story-telling Time Ă?ris 4FJYBTÂ?QFSĂ“PEPtVisita Ă  Produtora televisĂŁo HOP Carlos Baptista e AntĂłnio Pinto - 4 BCSJM  t Biotecnologia... É na CatĂłlica! Vem Descobri-la! Maria JosĂŠ Frutuoso, Ana Maria Felgueiras, Margarida Coelho, Teresa .PSFJSBF&MTB"MNFJEBBCSJMtSaĂ­da Campo - Lavadores Maria JosĂŠ Frutuoso e MaOVFMB7JMBSJOIP   BCSJM  t  Historiar la vida en Salamanca AndrĂŠ Matias, Corina Teixeira, LuĂ­s Fonseca, LuĂ­s Neto e Maria das Dores 4JMWBFBCSJMtFesta encerramento da “Escola da Minha Vidaâ€? Ana Leal, Augusta Ferreira, CĂŠsar Marques, OtĂ­lia Andrade e Sofia 4BOUPTBCSJMtOlimpĂ­adas da FĂ­sica 1BVMP $BNQPT   BCSJM  t Semana da Dança Grupo Educação FĂ­sica - 2 e 3 maio 2012 tIda ao tribunal Isabel Costa e Pai delegado Â?/NBJPtSemana da Leitura Ma-

SJB 'JMPNFOB 1BDIFDP  NBJP  t Visita Ă Fundação JosĂŠ Rodrigues Alexandra CarvaMIPF*TBCFM.PSFJSBKVOIPtTorneio Basquetebol da ESEQ Grupo Educação FĂ­sica KVOIPFKVOIPtJogo tabuleiro Amigo BiĂłlogo / GeĂłlogo EmĂ­lia Subida , Alice Dias, Teresa Cristino, Teresa Moreira, Valdemar Doellinger e Manuela Vilarinho - 3.Âş peSĂ“PEPtBiblioteca MultimĂŠdia Carlos Baptista F +PTĂ? 4BOUPT  Â? F Â? QFSĂ“PEP t Educação para a Paz Alda Ferreira - novembro 2011 a +BOFJSP  t Clube Badminton +ĂžMJP 4JMWB t Desporto Escolar - Natação CĂŠlia Carmo MaDIBEPF+PTĂ?3JDBSEP3PESJHVFT6NBNBOIĂ?t Clube Badminton JĂşlio Silva e AntĂłnio CĂŠsar .BSRVFT t Clube BadmĂ­nton - JĂşlio Silva e o HSVQP&E'Ă“TJDBGFWFSFJSPtMontra d’Arte Graça Dinis com a participação de todos os professores das turmas artes e respetiWPT BMVOPT t Escola da Minha Vida Augusta Ferreira - Corta Mato e Momento ExpressĂŁo ArtĂ­stica da Festa de Encerramento, Alexandra Santos - Desenho, Pintura, Escultura e Banda Desenhada, Filomena Pacheco - OlimpĂ­adas da Escrita, Alda Ferreira - Coordenação - DezemCSPBBCSJMtOlimpĂ­adas Astronomia +PSHF .FTRVJUB  Â? QFSĂ“PEP t  Projeto “Quark!â€? aluno Pedro Vianez 12.Âş G - 2.Âş perĂ­oEPtĂ€ velocidade do Sol Jorge Mesquita - 2.Âş F Â? QFSĂ“PEPT t  Psicocine 2011/2012 Paula Carvalho e Arlete Brito - ao longo do ano letivo tA Filosofia no Cinema Paula Carvalho e ArleUF #SJUP   BP MPOHP EP BOP MFUJWP t Pen-pals com escola Turca Albertina Anjo - ao longo do BOP MFUJWP t Ajudar os Outros (Helping Others) Maria Albertina Anjo e alunos do 10.Âş "BPMPOHPEPBOPMFUJWPtAmigo BiĂłlogo/ GeĂłlogo Alice Dias, EmĂ­lia Subida, Manuela Vilarinho, Teresa Cristino, Teresa Moreira e ValEFNBS %PFMMJOHFS  BP MPOHP EP BOP MFUJWP t Jornal “Ecosâ€? AntĂłnio Ferreira da Silva, Alda Ferreira, FĂĄtima Guedes, Maria JoĂŁo AraĂşjo e +PTĂ?&EVBSEP-FNPTtNavegar pelo Acervo das CiĂŞncias EmĂ­lia Subida e Maria JosĂŠ FrutuPTPBPMPOHPEPBOPMFUJWPtClube Segurança/Proteção Civil da ESEQ Vicente Craveiro, BMVOPT EP Â? " $MVCF 4FHVSBOĂŽB EB &4&2  t Projeto da Coordenação da Educação para a SaĂşde Teresa Cristino, Ana Maria Marques, Margarida Coelho, Helena SĂĄ, Manuela Vilarinho, Altina Liberal, Elsa Almeida, Teresa Moreira, Valdemar Doelinger - ao longo do ano letivo tDiĂĄrio Filosofia online ZĂŠlia Pereira - ao lonHPEPBOPMFUJWPtRĂĄdio Web Educativa Ecos JosĂŠ Carlos Lima e Vicente Craveiro - ao longo EPBOPMFUJWPtClube Xadrez da ESEQ Ana RaNPTÂ?FÂ?QFSĂ“PEPTtPĂĄgina ESEQ/Jornal O ComĂŠrcio da PĂłvoa Arnaldo Pedro, LuĂ­s Marcelino - setembro 2011 a dezembro 2011 t Clube 8 e Meio LuĂ­s Marcelino, AntĂłnio Pinto e Leonel Cunha - ao longo do ano letivo


ENCERRAMENTO DO ANO LETIVO 2011/2012

Anuรกrio ESEQ 2011/2012 | 87


Cerimónia do Quadro de Excelência Aspeto geral do Ginásio 1 Orquestra de Sopros da Escola Municipal de Música da Póvoa de Varzim | Direção: Paulo Veiga 88 | Anuário ESEQ 2011/2012


CERIMÓNIA DE ENTREGA DOS DIPLOMAS DO QUADRO DE EXCELÊNCIA 2011/2012

Diretor da ESEQ José Eduardo Lemos

Caros alunos homenageados e respetivas famílias Ex.º Sr. Vereador da Educação da Câmara Municipal da Póvoa de Varzim, Dr. Luís Diamantino Ex.ª Sr. Presidente do Conselho Geral, Dr. António Ferreira Ex.º Sr. Presidente da Associação de Pais, Sr. Major Carlos Manuel Guedes Caros Professores e funcionários Minhas Senhores e meus Senhores. A cerimónia que hoje e aqui tem lugar, constitui-se como uma singela e sentida homenagem da Escola Secundária Eça de Queirós aos alunos que durante o corrente ano letivo se distinguiram pelo seu desempenho escolar. É desta forma e com imenso gosto que celebramos o mérito destes alunos. Este é um momento de grande importância tanto para a Escola Eça de Queirós como para vós, alunos homenageados. Para a ESEQ porque sentimos que o vosso mérito e os excelentes resultados que obtiveram são a melhor prova de que cumprimos, e bem, o nosso papel. Temos o sentimento de que cumprimos a nossa parte

do compromisso que estabelecemos com os vossos pais e com a comunidade quando vos recebemos nesta casa. Vós provavelmente não sabeis, mas os vossos pais não vos matricularam nesta escola por mero acaso. Minhas caras e meus caros alunos, os vossos pais escolheram a ESEQ porque esperavam que nós vos proporcionássemos uma formação séria, rigorosa, orientada para o sucesso escolar, sem dúvida, mas também para a cidadania e a responsabilidade social. Foi esse o pacto que os vossos pais connosco fizeram. Olhamos para vós e sentimos que correspondemos. Para todos os alunos, mas em particular para vocês, este é um momento muito importante pois, para além de verem socialmente reconhecido o vosso mérito, o labor intelectual, a persistência, o trabalho árduo, o espírito de sacrifício – que são fatores fundamentais para o sucesso - recebem mais um ensinamento desta Escola: aprendem que vale a pena o esforço e que, aqueles que se esforçam, mais tarde ou mais cedo, serão publicamente reconhecidos. Mas, mais não fora, bastaria o prazer do os vermos orgulhosos por terem alcançado as metas exigentes que certamente se autoimpuserem para justificar a existênAnuário ESEQ 2011/2012 | 89


Presidente do Conselho Geral António Ferreira

Representante dos alunos do Quadro de Excelência João Nuno Malta

cia desta homenagem e o nosso contentamento. Esta cerimónia concentra em si, também, sentimentos contraditórios para os alunos e para a ESEQ. Para os alunos que terminaram uma etapa escolar nesta casa, a alegria do dever cumprido, o orgulho dos resultados obtidos e as perspetivas de uma nova vida convivem, lado a lado, com o adeus aos amigos, à escola, aos professores e funcionários, às experiências vividas e às memórias que marcarão indelevelmente o seu percurso de vida. Para nós, os que cá continuamos, de mãos dadas ficam também a alegria do dever cumprido, da dedicação aos alunos e a nostalgia de os ver partir, de saber que embora continuem a pertencer à família ESEQ, e esse laço não pode ser desatado, com a sua saída mais um ciclo se fechou. Aos alunos que connosco continuarão, deixamos aqui uma palavra de incentivo: a estrada ainda não acabou, há ainda alguns passos a dar. Fostes vencedores de uma etapa, provastes que, com empenho, podereis vencer as seguintes. Temos a firme certeza de que vencereis. Aos que chegaram à meta final e agora iniciam outra prova, gostaria de lhes deixar algumas palavras, uma última lição pode-se dizer sem pretensiosismo, antes com o sentimento de alguém a quem a vida ensinou que, para quem se despede e parte, as últimas palavras que ouve nesse momento podem ser as mais impressivas, as que se gravam na alma e muitas vezes definem a vida que cada um fará.

Vejam, pois, as minhas palavras como um conselho de alguém mais velho que entende que a escola que dirige tem mais responsabilidades do que aquelas que, apressadamente, alguns poderão julgar. Regressemos por breves momentos à sala de aula, para uma última lição… No imaginário quadro negro que se encontra atrás de mim está redigida esta máxima de Albert Camus: O êxito é fácil de obter. Difícil é merecê-lo. Muitas vezes, nas escolas, debruçamo-nos sobre variadas matérias curriculares, andamos à volta de conceitos e de noções científicas, procurando adquirir competências em cada disciplina como se não houvesse mais mundo para além das mesmas. Há mesmo quem em tal se esgote sem compreender que a vida vai muito para além disso. A ESEQ não está afastada da realidade; temos consciência que vivemos num tempo em que valorizamos a vida pela quantidade dos bens que adquirimos, pelo dinheiro que possuímos, pelo que consumimos… Vivemos num tempo, sobretudo para vós, jovens, em que a inserção no mercado de trabalho, a luta por uma existência digna, se torna cada vez mais difícil, lançando sombras sobre um futuro cuja herança vos foi, em parte, hipotecada pelas gerações que vos precederam … Uma das responsabilidades da escola é estar atenta à realidade, às representações que dela fazem os seus jovens alunos, tentar entendê-la – a realidade - e entendê-los –os alunos, procurando aqui também contribuir para a sua formação e prepará-los para os desafios que a

90 | Anuário ESEQ 2011/2012


Presidente da Direção da Associação de Pais Isabel Torrão

Vereador da Cultura da Câmara Municipal da Póvoa de Varzim Luís Diamantino Batista

vida lhes apresentará. Não posso, por isso mesmo, deixar de lançar um apelo para que não vos deixeis cair na tentação de uma realização pessoal, financeira e profissional a qualquer custo, pala via do facilitismo ou da falta de escrúpulos... Qualquer êxito obtido dessa maneira pouco valor terá! A ESEQ poderá ter-vos ensinado muito bem Português, Matemática ou Geografia mas terá falhado no essencial da sua missão se não tiver contribuído para fazer de vocês cidadãos íntegros, conscientes e com fortes bases morais e de cidadania. É verdade que o discurso assumido pela ESEQ e consagrado no seu Projeto Educativo se orienta para a promoção de valores como o sucesso e a excelência. Muitos poderão, apressadamente, entender estes valores como uma divisa e, em função disso, serem tentados a construir o seu projeto de vida sem olhar a meios para atingir os fins. Nunca foi e não será nunca esse o objetivo da ESEQ na formação dos alunos. Não esqueçais que a legítima procura do sucesso e da excelência se deve fazer à luz de valores mais elevados e dos deveres éticos que norteiam todo o comportamento humano. O ensino dos valores, dos deveres e da ética é o objetivo mais nobre que uma Escola deve assumir. Para nós, na ESEQ, valerá sempre mais a honradez de um homem pobre do que o brilho de um doutor desonesto. Mas, não bastará serem honrados, será necessário agir contra a iniquidade, denunciar o mal, enfim, fazer um

mundo melhor… Só, assim se cumprirão os verdadeiros desígnios da ESEQ ínsitos no seu Projeto Educativo, e que gostaríamos se tornassem imperativos morais comum a todos vós. Concluo esta curta aula fazendo apelo a uma frase de Martin Luther King: “o que me preocupa não é o grito dos maus. É o silêncio dos bons.” Nunca fiquem em silêncio. Permitam-me, para terminar, que enderece um agradecimento público às entidades presentes, e a todos quantos contribuíram para o êxito desta cerimónia. Gostaria de agradecer também à Orquestra de Sopros da Escola de Música Póvoa de Varzim pela colaboração prestada no momento musical que nos foi proporcionado pelos seus alunos e professores. Um agradecimento especial a todos os alunos pelas capacidades demonstradas e que estão na origem desta cerimónia; Um agradecimento muito sentido a todos os pais, familiares e amigos dos alunos homenageados nesta sessão. Estão de parabéns, o sucesso também destes alunos também é vosso. Um agradecimento também especial aos funcionários e professores desta Escola de cujo trabalho inestimável dependeu o êxito dos alunos hoje homenageados. Também eles integram o Quadro de Excelência da ESEQ. Muito obrigado José Eduardo Lemos

Anuário ESEQ 2011/2012 | 91


QUADRO DE EXCELÊNCIA 7.º Ano e 8.º Ano

QUADRO DE EXCELÊNCIA 10.º Ano

92 | Anuário ESEQ 2011/2012


QUADRO DE EXCELÊNCIA 11.º Ano

QUADRO DE EXCELÊNCIA 12.º Ano

Anuário ESEQ 2011/2012 | 93


ALUNOS DO QUADRO DE EXCELÊNCIA 2011/2012 7.º Ano Pedro Lopes de Castro Pedro Silva Marques

8.º Ano Carlos Eduardo da Nova Duarte Diogo Rafael Amorim Mendes Elisa Stuart Proença Themudo Gilman

10.º Ano Ana Catarina Martins Ferreira Ana Catarina Oliveira Assunção Ana Rita Ramos Jóia Mendes Cardoso André Filipe Araújo Pereira de Sousa António Luís Soares da Costa Mendonça Cantinha Carina Isabel Gomes Aguiar Carla Petronilho Nunes dos Santos Cláudia Sofia Ferreira Araújo Diogo da Cruz P. Martins da Costa Fábio Neves Correia Filipe de Oliveira Castro Gabriela Ferreira Tavares Gonçalo Botelho Rodrigues Gonçalo Manuel C. M. B. Rodrigues Guilherme Figueiredo M. da Silva Inês Sequeira Braga Montenegro João Pedro Calafate Figueiredo José Carlos Lobo Espanhol José Pedro da Silva Sá José Pedro Morim Neto José Pedro Suárez de O. Casanova Lígia Moreira Aurora Maria Inês Agonia Ferreira Maria João C e Silva Oliveira Samúdio Maria João Sá Trovão Oura Mariana Duque Flores de Oliveira Mariana Reis Macieira Nádia Alexandra Azevedo Albano Rita Ferreira de Sousa Rita Silva Bravo Lima Simão Segurilho da Silva Tiago Manuel Medeiros Furtado Tiago Pontes Silva

94 | Anuário ESEQ 2011/2012

11.º Ano Adriana Luísa Faria Cunha Alexandre Azevedo Pinheiro Ana Luísa Teixeira N. Pereira Fernando Ana Mafalda Águas Areias André Mata da Silva Andreia Carina Neves da Costa Barbara Luísa da Silva Gregório Bernardo Garrett N. Moura de Oliveira Carlos Eduardo M. de A. Ferreira Clara de Assis Correia C. Araújo Lima Daniel José Pereira Gouveia Domingos Dias Costa Leite Castro Filipe Amorim Gonçalves Giesteira Inês Azevedo da Silva Inês Domingues M. C. de Almeida Jéssica Devesa Serra João António Faria e Silva João Carlos Eusébio Almeida João dos Santos Ferreira João Sá Peliteiro Tomé Coutinho Liliana Maria Faria Igreja Luís Fernando Moreira Souto Luís Rodrigues de Castro Márcia da Silva Santos Maria Rui Marrafa Torres Marta Sofia Soares Alves Miguel Ângelo de Castro Correia Mónica Pereira Fernandes Pedro Miguel Barreiros da Costa Regina Torres Capela Rui Afonso Gomes Moreira de Sousa Rui Orlando Silva Sampaio da Costa Rute Maria Batista da Costa Campos Sérgio António Dias Salgado Sofia Senra Furtado Tatiana Martins Moreira

12.º Ano Adriana Veloso dos Santos Afonso de Sá Carneiro Marques Alberto Rosmaninho Maçães Torres Alexandra Isabel Ferreira Alves Ana Catarina Araújo Ferreira Ana Isabel Alves de Carvalho Ana Margarida D. G. de Castro Ana Rita Neves Costa Ana Sofia Pereira da Silva Andreia Isabel Maia Filipe Artur Correia Alves Bruna Oliveira Alves Catarina Alexandra Moreira Ferreira Catarina Félix Machado Christopher Macedo Oliveira Filipa Dias Marques Filipa Figueiredo Barros Filipa Sá Couto de Oliveira Fernandes Filipe Miguel M. V. Cadilhe Figueiredo Flávia Filipa Ribeiro Freitas Francisco O. A. S. de Vasconcelos Gabriela Pereira Canelas Inês Vieira da Costa Isabel Filipa Pinto Vieira João Manuel Nogueira Correia João Miguel Azevedo Miranda Costa João Nuno Magalhães Malta Luís Azevedo T. dos Santos Graça Márcio da Silva Santos Marta Sofia Trocado Lopes Micaela Lacerda Graça Oliveira Miguel Oliveira Sandim Nuno Gonçalo Neto Silva Patrícia Rodrigues Correia Paula Catarina Furtado Matias Paula Maria dos Santos Sobral Pedro Manuel Trocado Vianez Rita Amado Laezza Roberto Carlos Moreira Briote Rodolfo Gomes C. G. de Sousa Rosa Maria Novais da Costa Sara Cristina Neves de Carvalho Sérgio Ramos Fontes Tiago Paulino Fonseca Torres


Anuรกrio ESEQ 2011/2012 | 95


CITAÇÕES Eurípides (480 a.C., Salamina, 406 a.C., Macedónia Antiga) Poeta trágico grego | José Jorge Alves Letria (n. Cascais, 8 de junho de 1951) Jornalista, político, poeta e escritor | José Maria de Eça de Queirós (Póvoa de Varzim, 25 de novembro de 1895 - Paris, 16 de Agosto de 1900) Escritor e mentor do Realismo em Portugal, Cartas de Paris | João Guimarães Rosa (27 de junho de 1908, Cordisburgo, 19 de novembro de 1967, Rio de Janeiro) Escritor, médico e diplomata | Jacques Delors (20 de julho de 1925, Paris) Político europeu de nacionalidade francesa, presidente da Comissão Europeia entre 1985 e 1995

SIGLAS, ACRÓNIMOS e ABREVIATURAS UTILIZADAS NO ANUÁRIO BE – Biblioteca Escolar | CDT – Coordenador de Diretores de Turma | CO - Coordenador Operacional | CT - Coordenador Técnico | DEP. – Departamento | DCCSH - Departamento Curricular de Ciências Sociais e Humanas | DCE – Departamento Curricular de Expressões | DCL - Departamento Curricular de Línguas | DCMCE – Departamento Curricular de Matemática e Ciências Experimentais | ESEQ – Escola Secundária Eça de Queirós | Grupo 290 - EDUCAÇÃO MORAL e RELIGIOSA CATÓLICA | IEFP - Instituto do Emprego e Formação Profissional | IGE - Inspecção Geral da Educação | Grupo 300 - PORTUGUÊS | Grupo 330 - INGLÊS | Grupo 350 - ESPANHOL | Grupo 410 - FILOSOFIA | Grupo 500 - MATEMÁTICA | Grupo 510 - FÍSICA e QUÍMICA | Grupo 520 - BIOLOGIA e GEOLOGIA | Grupo 530 - EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA | Grupo 600 - ARTES VISUAIS | Grupo 620 - EDUCAÇÃO FÍSICA | MACS – Matemática Aplicada às Ciências Sociais | NAE - Núcleo de Apoio Educativo | NEE - Necessidades Educativas Especiais | OE – Orçamento do Estado | POPH – Programa Operacional de Potencial Humano | PTE – Plano Tecnológico da Educação | QVE – Quadro de Valor e Excelência | SASE – Serviços de Ação Social Escolar | SEC. – Secundário | SPO – Serviço de Psicologia e Orientação | VE - Visita de Estudo

96 | Anuário ESEQ 2011/2012

Anuario 2011 12 web  
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you