Page 1

ônia Ron d

Notícias de um Governo que faz e um Estado que acontece.

ressocialização: Apenados do Ênio Pinheiro estão trabalhando na confecção de bolas, atividade do projeto Pintando a Liberdade.

16 de abril de 2012 - Porto Velho, Rondônia - Ano 1, Número 1 - rondonia.ro.gov.br

escola do distrito de nazaré quase pronta

Nota Legal faz ação promocional em Cacoal

O distrito ribeirinho de Nazaré, a 40 minutos de voadeira de Porto Velho, deve inaugurar em breve a Escola Estadual Eduardo Costa.

Mascote do Nota Legal tem visitado os municípios para tirar esclarecer o funcionamento do programa.

página 06

cultura

Artesãos de todo o Estado participaram, em Porto Velho, de uma feira regional realizada em um galpão da Estrada de Ferro Madeira-Mamoré.

galeria. Artistas plásticos já podem se inscrever para expor na Afonso Ligório, na Capital

agenda. Confira quais eventos culturais estão marcados para o acontecer no mês de abril.

página 06

Produção de soja livre pode triplicar A produção de soja na safra 20102011, em Rondônia foi de 419.522 toneladas, movimentando R$ 274 milhões segundo o IBGE.

página 07

criadores devem vacinar rebanho contra aftosa

expedição no rio madeira identifica pontos críticos

Começou no domingo, dia 15, a 32ª Campanha de Vacinação contra Febre Aftosa. Somente serão vacinados bovinos e bubalinos com até dois anos de idade. Todos os proprietários, após vacinarem o seu gado, precisam declarar a vacinação nas Unidades Locais de Sanidade Animal e Vegetal, que estão instaladas em 82 pontos espalhados pelo Estado. Quem não vacinar, será multado.

Resultado será encaminhado ao Ministério dos Transportes, com um pedido de urgência para a liberação de recursos que serão aplicados na dragagem e sinalização do rio Madeira.

página 05

ações colaboram para redução do índice de acidentes de trânsito Em um mês de atividades da operação, houve uma redução na ordem de 23,2 % no índice total de acidentes de trânsito no município de Porto Velho e de 19,3 % no índice de acidentes com vítimas.

página 05 servidor. Agentes penitenciários e socioeducadores aprovados em concurso tomam posse

costa marques. População deve informar sobre a presença de morcegos em propriedades

transposição. Governo inaugura Sala Oficial da Transposição para dar agilidade ao processo

página 02


editorial Você já deve ter percebido que o governo do Estado está mais próximo e transparente. O cidadão rondoniense tem acesso a todas as ações executadas nas mais diversas áreas. No rádio, televisão, internet e agora por meio do ‘Oha aí Rondônia’ a administração estadual garante um direito da população: saber o que está sendo realizado em seu Estado, através do Poder Executivo. O ‘Olha aí’ nasce com o I Seminário de Comunicação Pública do Governo de Rondônia, promovido com o objetivo de debater sobre a importância da democ-

ratização da informação, ferramenta essencial para a formação de cidadãos. Nesta edição você vai saber que Rondônia tem grande potencial – e está apostando nele – para produzir a chamada soja livre, que é totalmente adaptada ao clima da nossa região, ou seja, as chances de ocorrer perda de safra são reduzidas. Outra boa notícia: o governo criou a Sala Oficial da Transposição e criou normas para os trabalhos da comissão responsável por esse importante processo. São boas notícias e você tem o direito de saber.

balanço da lei seca é positivo em porto velho

Servidores do Iperon conhecem Gespública O Gespública foi apresentado aos servidores do Instituto de Previdência dos Servidores Públicos do Estado de Rondônia (Iperon), no começo de abril. A apresentação, promovida pelo núcleo estadual do Gespública, teve como objetivo sensibilizar os servidores sobre a importância da implantação do programa no órgão e repassar orientações de como devem ser executadas as ferramentas que compõem o Gespública. O próximo passo será a aplicação da Autovaliação. O termo de adesão ao Gespública foi assinado em março.

A ação é deflagrada pela operação “Lei seca”, realizada nos fins de semana, por fiscais dos órgãos de trânsito. Segundo o diretor de Operações do Detran, “129 condutores foram autuados por se encontrarem dirigindo sob influência de álcool, o que representa 23% do total de abordados. Assim, na forma da lei, foram autuados e tiveram seus documentos de habilitação recolhidos.” Conforme dados estatísticos da Coordenadoria do Registro Nacional de Estatísticas do órgão, em um mês de atividades da operação, houve uma redução de 23,2 % no índice total de acidentes de trânsito no município de Porto Velho e de 19,3 % no índice de acidentes com vítimas, isso, comparando os períodos compreendidos entre março de 2011 e março deste ano, o que reforça o sucesso da operação, que integra ações do Projeto Trânsito Vivo lançado pelo governo do Estado e prefeitura de Porto Velho, em 2011.

em um mês houve uma redução de 23,2% no índice total de acidentes de trânsito

dôn ia

EXPEDIENTE Notícias de um Governo que faz e um Estado que acontece.

Polícia Militar Samu e Bombeiros

UMa publicação do Departamento de Comunicação Social do Governo de Rondônia Diretor DO DECOM: Fred Perillo

Polícia Rodoviária Denúncia de exploração infantil INSS

Ron

2

dôn

ia

190 193 191 100 135

Ron

úteis

Noticia de um Governo que faz, de um Estado que acontece.

Departamento de Comunicação Social www. comunicacao.ro.gov.br Portal do servidor www.portaldoservidor.ro.gov.br REDES SOCIAIS www.facebook.com/governoderondonia www.twitter.com/GovernoRO

Inscrições para Jovem Cientistas estão abertas As inscrições para a 16ª edição do Prêmio Jovem Cientista e Inovação Tecnológica nos Esportes podem ser feitas até o dia 31 de agosto. Podem participar estudantes que desenvolvem pesquisas sobre educação e cidadania para os esportes, cuidados com a saúde e nutrição nos esportes, aplicação e desenvolvimento de materiais esportivos, gestão e instalação de infraestruturas esportivas e tecnologia da informação para os esportes. Os vencedores serão premiados com laptop, bolsa de iniciação científica do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq).


Ministros da Pesca e do Desenvolvimento Agrário visitam Rondônia

Agentes e socioeducadoraes tomam posse

Nos dias 26 e 27 de março, Rondônia recebeu importantes visitas que trouxeram boas notícias. No dia 26, esteve em Porto Velho o ministro da Pesca, Marcelo Crivella, e no dia seguinte, o ministro do Desenvolvimento Agrário, Pepe Vargas, participou de um evento em Ouro Preto do Oeste. Marcelo Crivella, em visita ao terminal pesqueiro de Porto Velho, destacou o potencial do Estado, que deverá ser expandido com a parceria de instituições que trabalham a profissionalização e melhoria da gestão, a exemplo do Sebrae. O governador pediu apoio ao ministro para

que a produção de peixes, que hoje é de 12 mil toneladas/ano, se torne referência do Estado, que hoje é o segundo maior produtor de bois do país. Para tornar o projeto viável, além da

visitas ocorreram no final de março passado na capital e interior do estado

retroescavadeira entregue naquele dia, os produtores vão contar com pelo menos R$ 350 mil como contrapartida do governo do Estado para a aquisição de combustível, enquanto a manutenção do maquinário ficará por parte do município. Em Ouro Preto do Oeste, o ministro Pepe Vargas assinou com o governo de Rondônia um convênio do Programa Nacional de Crédito Fundiário, no valor de R$ 7,3 milhões, para a compra de 2,5 mil hectares de terras. Só este programa, segundo Vargas, já beneficiou 200 famílias em Rondônia.

ministros Marcelo Crivella e Pepe Vargas estiveram no Estado

O sistema penitenciário de Rondônia vai receber novos profissionais a partir deste mês de abril. No dia 16, 602 servidores tomam posse, são 527 agentes penitenciários e 75 socioeducadores, aprovados no concurso realizado em 2010. Maurício da Costa Silva, de 42 anos, é um dos aprovados para agente. Ele veio de Brasília para fazer o concurso, o terceiro em Rondônia. “O primeiro foi em 2008 para a Polícia Civil; o segundo para a Anatel e agora o da Sejus”, conta. “Acho que aqui há um leque maior de opções e possibilidade de renovação. Espero que minha esposa também consiga emprego logo”, diz.

Sala da Transposição é instalada Rodovia Expresso Porto vai desafogar tráfego na capital

Noticia de um Governo que faz, de um Estado que acontece.

dôn

ia

A solução para reduzir o fluxo de veículos no perímetro urbano de Porto Velho terá 21 quilômetros. O objetivo do governo é iniciar e terminar a obra neste ano. A estrada que receberá o nome de Expresso Porto começará ao lado das Irmãs Marcelinas, sai no Ramal 21 de Abril, prosseguindo até a Estrada da Penal, garantindo acesso à avenida Migrantes até o Porto Graneleiro, à balsa e à ponte.

Ron

Os quase 21 mil processos de servidores que podem fazer a transposição para os quadros do governo federal têm um local específico para serem analisados. No dia 11 de abril, foi instalada a Sala Oficial da Transposição. No mesmo dia, o governador do Estado assinou o decreto que normatiza o processo. Com a transposição, a administração estadual espera economizar, anualmente, R$ 700 milhões. Com essa economia, será possível aplicar recursos na educação, saúde, segurança, infraestrutura. No Portal do Servidor ( www. portaldoservidor.ro.gov.br ) há detalhes sobre a transposição e um tira-dúvidas.

3


Escola ganha Telecentro

Comunicação pública

Alunos da Escola Estadual de Ensino Fundamental e Médio Jorge Teixeira de Oliveira, em Porto Velho, e comunidade de entorno podem contar com internet grátis e cursos profissionalizantes. No dia 9 de abril foi inaugurado um Telecentro no local, que faz parte do Plano FutuRO.

No I Seminário de Comunicação Pública realizado pelo governo do Estado, Jorge Duarte, diretor do Núcleo de Comunicação Pública da Secretaria de Comunicação da Presidência da República, e Fernando Ramos, coordenador do Núcleo de Comunicação Interativa do Ministério da Saúde foram os palestrantes.

mais de 1 milhão em prêmios: Todos ganham com o Nota Legal O Programa Nota Legal de Rondônia distribuiu prêmios no mês de março e deixou centenas de consumidores surpresos, mesmo com os valores menores. Quem ainda tinha dúvidas de que pedir nota fiscal pode ser um bom negócio, já mudou de ideia. Para participar do programa o consumidor deve efetuar o cadastro no site www. notalegal.ro.gov.br. Quem é cadastrado e exige a nota fiscal com o CPF no ato da compra, além de combater a sonegação, concorrer a prêmios em dinheiro. Os prêmios maiores são de R$ 25 mil, R$ 15 mil, R$ 10 mil, além de prêmios de R$ 1 mil, R$ 250 e prêmios menos de até R$ 10. Para concorrer tem que se cadastrar no site. Quem não quiser informar o CPF na nota, pode pedir o cupom fiscal e doar a uma entidade beneficente. “Várias entidades já foram cadastradas no programa e nos próximos dias urnas serão espalhadas pelos comércios, para que a população possa depositar o documento fiscal, doando os benefícios para essas entidades”, informa o coordenador do

programa, Luiz Fernando Pereira. Para retirar o benefício acumulado, de acordo com o valor das notas fiscais, basta acessar o site do programa e ir na opção

utilizar créditos, informar o número da conta corrente, o valor que vai utilizar e em até 10 dias úteis o valor estará na conta. O próximo sorteio está previsto para o dia 27 de abril.

Mascote do programa participa de ações itinerantes no interior do estado O mascote do Nota Legal tem visitado os municípios para tirar esclarecer o funcionamento do programa. No final de março ele esteve em Cacoal, na Praça da Matriz.

A equipe do Nota Legal já passou por Ouro Preto e Ji-Paraná e Vilhena, e nos próximos dias deverá passar por Pimenta Bueno, Rolim de Moura, São Francisco, Jaru e Ariquemes.

Morcegos são combatidos em Costa Marques

Ron

4

dôn

ia

Desde domingo, dia 15, além da vacinação de bovinos e bubalinos contra febre aftosa, a Agência Idaron faz campanha em Costa Marques contra a raiva transmitida por morcegos. Devem ser vacinados ovinos, caprinos e equídeos até oito meses de idade. Essa ação acontece duas vezes por ano no mesmo período da Campanha contra Febre Aftosa. A raiva é uma doença viral fatal, transmitida pelo morcego hematófago em animais domésticos.

O Governo da Cooperação em Ação.

População deve informar presença do animal

Quadrilhas explodiram mais de 10 caixas Nos últimos meses quadrilhas especializadas em explodir caixas eletrônicos, realizaram inúmeros ataques em todo o Estado. De acordo com registros da Delegacia de Crimes Contra o Patrimônio, só neste ano de 2012, foram registrados em Rondônia 13 casos. Destes, seis foram apenas tentativas; sendo sete com a utilização de explosivos ou arrombamentos por maçaricos, o que resultou em 24 flagrantes e 12 prisões. A Gerência de Estratégia e Inteligência (GEI), ligada a Secretaria de Segurança, Defesa e Cidadania (Sesdec), tem auxiliado a Polícia Militar e Civil nas investigações que tem levado a prisões de envolvidos. No final do mês de março, foram presos oito homens, que faziam parte de duas quadrilhas envolvidas em explosões de caixas eletrônicos. Uma delas foi presa em flagrante.


Guajará-Mirim comemora

Comissão para concursos

No dia 10 de abril, Guajará-Mirim completou 83 anos de instalação, o que foi comemorado com diversos eventos pela população. Em um deles houve a inauguração do prédio da nova escola Alkindar Brasil de Arouca, que foi completamente reformada e ampliada. Parabéns para Guajará.

O governo do Estado está fazendo um levantamento do déficit de profissionais de saúde para fazer a convocação de todos os candidatos remanescentes dos concursos que estão em aberto. Caso ainda seja necessário, será avaliado a abertura de novo concurso. O objetivo é reduzir o número de emergenciais.

Criador, fique ligado! Começou a vacinação Começou no domingo, dia 15, a 32ª Campanha de Vacinação contra a Febre Aftosa. O presidente da Idaron, Marcelo Henrique Borges, fala sobre essa importante campanha.

1

A vacinação é para rebanho bovino e bubalino?

Do pequeno ao grande produtor, todos devem vacinar o rebanho na faixa de zero a 24 meses. A campanha é realizada anualmente em duas etapas: a 1ª teve início em 15 de abril e termina no dia 15 de maio; a 2ª é realizada no período de 15 de outubro a 15 de novembro quando o produtor deve vacinar todo o seu rebanho.

3

A Idaron vai disponibilizar a vacina? A Agência Idaron não disponibiliza vacina. O produtor deve adquirir a vacina, dentro do prazo de validade, acompanhada de nota fiscal, acondicionada em caixa de isopor com espaço suficiente para conter as vacinas e gelo suficiente para sua conservação até o momento de sua aplicação (3 partes de gelo para 1 de vacina).

4

Onde a vacina estará disponível para o produtor? A vacina deve ser comprada nas lojas agropecuárias registradas na Idaron, que, durante as campanhas de vacinação, fiscaliza, diariamente, a temperatura de conservação, que deve estar na faixa de 2 a 8º C, oferecendo, assim, um produto de qualidade.

Agricultores recebem sementes de feijão

Sim. Aquele produtor que deixar de vacinar seu rebanho no prazo estabelecido pela Agência Idaron, fica sujeito a uma multa de R$ 117,25, por animal não vacinado. E o produtor que vacinou e não declarou na Idaron dentro do prazo, recebe uma multa de R$ 117,25, por propriedade.

Porta-a-Porta está no Vale do Jamari e na Zona da Mata

Romildo e João foram beneficiados hortaliças, além do café. Por esse motivo, ficaram especialmente felizes ao ouvir a notícia, em primeira mão, de que o governador Confúcio Moura dará condições para os pequenos agricultores poderem financiar seu próprio trator. “Isso é tudo que queríamos ouvir”, disse Romildo, satisfeito. Além do feijão, os produtores

receberam três máquinas decantadoras utilizadas na produção de mel em pequenas propriedades de Cacoal. A colheita do mel acontece principalmente nos meses de junho, julho e agosto. “A previsão é de uma safra anual correspondente a 17 toneladas de mel em Cacoal”, estimou o presidente da associação de produtores de mel, Valcino Oliveira.

A equipe que atuará no projeto Porta-a-Porta nos municípios de Monte Negro, Campo Novo e Buritis, da região conhecida como Vale do Jamari, começou a ser capacitada na segunda semana de abril. O projeto é a etapa inicial do Plano FutuRO, programa de inclusão e desenvolvimento social. A preparação das equipes do projeto também está ocorrendo na Zona da Mata, nos municípios de Rolim de Moura, Alto Alegre dos Parecis e Nova Brasilândia. A previsão para o início do trabalho de pesquisa de campo é o dia 23 de abril. ia

Cerca de 50 agricultores de aproximadamente 25 associações de produtores de Cacoal receberam do governo do Estado 10 toneladas sementes de feijão em março passado. Os agricultores Romildo Batista da Silva e João Carlos Rodrigues Santana, da linha 12, foram dois dos beneficiados pela entrega de sementes. Eles também destacaram a importância de chegar a tempo para o plantio. “Nós fazemos o plantio até o dia 19 de março”, disse Romildo, que cultiva feijão em sua propriedade há mais de 25 anos. “É importante receber boas sementes”, destacou João Carlos. As famílias destes agricultores dependem do cultivo de alimentos que também servem para sua própria mesa, como milho, mandioca, feijão, banana e

5

Quem deixar de vacinar o rebanho vai pagar multa?

O Governo da Cooperação em Ação.

dôn

2

Todo criador deve vacinar o gado, ou apenas grandes produtores?

para continuar livre da aftosa, precisa vacinar

Ron

Somente serão vacinados bovinos e bubalinos com até dois anos de idade. Todos os proprietários, após vacinarem o seu gado, precisam declarar a vacinação nas Unidades Locais de Sanidade Animal e Vegetal, que estão instaladas em 82 pontos espalhados pelo Estado.

5


Saúde do idoso

Novas viaturas

Cacoal se mobiliza pelo FutuRO

O Programa de Saúde do Idoso da Policlínica Oswaldo Cruz promoveu dia 11 de abril a 1ª Oficina de Conscientização da Saúde do Idoso. O evento reuniu médicos, enfermeiras, colaboradores e integrantes do Programa. Eles discutiram a questão social da valorização da 3ª idade associada a qualidade de vida.

No dia 13 de abril, a Companhia de Operações Especiais (COE) e o Grupamento de Operações Especiais (GOE) do interior do Estado receberam cinco novas viaturas, cada um. As viaturas são locadas, e foram adquiridas com recurso próprios do governo do Estado.

Mobilizar as comunidades locais e articular a implantação do Plano Futuro nos municípios que formam a Regional de Cacoal. Com estes objetivos, o Comitê de Articulação do Plano Futuro teve sua primeira reunião com os representantes dos sete municípios da regional, no dia 7, em Pimenta Bueno.

Liberdade pode ser pintada

Rio Madeira tem 32 pontos críticos Durante uma semana, representantes da Marinha do Brasil, Delegacia Fluvial de Porto Velho e Federação da Indústria de Rondônia (Fiero), percorreu 1.180 km pelo rio Madeira e identificaram 32 pontos críticos para a navegação até Manaus (AM). A expedição foi coordenada pela Sociedade de Portos e Hidrovias do Estado de Rondônia (Soph). De acordo com o diretor presidente da Soph, o resultado da expedição será encaminhado para o Ministério dos Transportes, com um pedido de urgência para a liberação de recursos que serão aplicados na dragagem e sinalização do rio Madeira. Serão liberados neste ano R$ 14,5 milhões.

Licitação com segurança

Desde o mês de março, apenados da Penitenciária Ênio Pinheiro estão trabalhando na confecção de bolas, atividade que faz parte do projeto Pintando a Liberdade. Os detentos que participam do projeto recebem remuneração de acordo com a produção e têm redução de um dia de pena a cada três dias trabalhados. Nas celas, todos os detentos que quiserem trabalhar receberão os kits feitos na fábrica de bolas instalada na penitenciária. No local funciona ainda o ateliê e a serigrafia, onde os apenados trabalham na confecção de camisetas para agentes penitenciários e serigrafia de bolas. Os multiplicadores têm um valor fixo a receberem mensalmente em conta poupança, diretamente do fundo federal, no total de R$ 600. Os reeducandos que produzirem nas celas, receberão por produção, sendo R$ 3,50 por bola costurada. Toda a produção passa pelo teste de qualidade na fábrica da unidade.

Escola eduardo costa no distrito de Nazaré quase pronta O distrito ribeirinho de Nazaré, a 40 minutos de voadeira de Porto Velho, deve inaugurar em breve a Escola Estadual Eduardo Costa. A

Ron

6

dôn

ia

O método de licitação utilizado por Rondônia é o mais adequado para evitar que ocorra alguma ilegalidade. Márcio Gabriel, da Superintendência de Licitação do governo, explica que o sistema do Estado evita o contato dos fornecedores tanto com a Supel quanto com os demais concorrentes. A medida adotada em Rondônia para as licitações dentro do Estado dá transparência a esses atos que envolvem o dinheiro público, atendendo assim aos princípios da ampla competitividade e da impessoalidade.

O Governo da Cooperação em Ação.

unidade possui 10 salas de aula, sala de professores, salas administrativas, áreas de lazer e, práticas de esporte, laboratórios de informática e de ciências. Para evitar que os alunos fiquem sem acesso à escola no período chuvoso, será construída uma ponte de 200 metros, que já foi licitada.

Obra foi retomada no ano passado

Rondônia Rural Show será em ji-paraná A primeira Rondônia Rural Show, feira de tecnologias, oportunidades e negócios agropecuários promovida pelo governo estadual será realizada em Ji-Paraná, entre os dias 24 e 27 de maio. O evento será uma vitrine de negócios para o setor produtivo, que tem como objetivo dinamizar as ações para o fortalecimento da agropecuária rondoniense. O evento que se repetirá anualmente tem entre outros objetivos principais expor novas tecnologias que venham beneficiar os pequenos, médios e grandes produtores rurais com o que existe de mais moderno para contribuir com o fortalecimento do setor primário no Estado.


Cirurgia inédita no HB

Governo ouve propostas

Um adolescente de 13 anos, morador de Costa Marques, passou por uma cirurgia inédita na região Norte. Aos 5 anos de idade ele foi vítima de queimadura e ficou com sequelas no pescoço. No dia 30, uma equipe de cirurgiões realizou o procedimento no Hospital de Base, em Porto Velho.

Representantes de setores produtivos de Rolim de Moura e região participaram de debate promovido pelo governo do Estado em março. Eles apresentaram os primeiros números que deverão ajudar a compor o planejamento estratégico. Ao final do encontro, ficou definida a formação de grupos de trabalho.

Produção de soja pode triplicar A produção de soja na safra 2010-2011, em Rondônia foi de 419.522 toneladas, movimentando R$ 274 milhões segundo o IBGE. A safra 2011-2012 está sendo colhida. No entanto com as cultivares de “Soja Livre” a produção pode triplicar em curto espaço de tempo. Em Mato grosso e no Rio Grande do Sul, por exemplo, a produção média gira em torno de 2.500 quilos por hectare de lavoura cultivada. Em Rondônia um hectare de soja produz em média 3.125 quilos. Rondônia possui entre um milhão e dois milhões de terras aptas a produção da

O Estado só tem a ganhar No ponto de vista de Samuel Oliveira, engenheiro agrônomo, chefe de Transferência de Tecnologia da Embrapa-Rondônia, o “Estado vai produzir mais, em menos áreas, diminuindo o desmatamento agregando outros valores na economia e preservando o meioambiente.” As 18 cultivares de “Soja Livre” desenvolvida aqui regenera o solo recompondo os nutrientes naturais. “Somos um Estado de fronteira, a ideia é aumentar a produtividade agregando outros valores”, destaca.

chamada soja livre, a não transgênica. Segundo a Embrapa-Rondônia, essa oleaginosa é adaptada ao clima da nossa região e, por isso, apresenta excelente produtividade. Estudo feito pela Embrapa (Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária) mostra que partindo do município de Presidente Médici, no centro norte do Estado ao longo da BR-364 até Guajará-Mirim, as áreas antropizadas (desmatadas e ocupadas) apresentam excelentes condições para a produção de soja, milho e arroz, no sistema de rotatividade destas culturas.

A soja livre é adaptada ao clima de Rondônia

Empresários do setor de confecções e produtores rurais de café e frutas de Cacoal e municípios da região participaram no dia 4 passado da primeira reunião de trabalho do programa de Arranjos Produtivos Locais (APLs). O programa é coordenado pelo governo do Estado e objetiva a formação de micro e pequenas empresas e pequenas agroindústrias

pólo de confecções em pimenta bueno está em expansão

Selo Amazônico é discutido na capital Um selo que dê garantia de qualidade e segurança ao consumidor deve ser adotado em breve no Estado. A discussão sobre sua implantação aconteceu no dia 10 último, em Porto Velho. Técnicas da Fundação Centro de Análise, Pesquisa e Inovação Tecnológica (Fucapi), com sede em Manaus (AM), explicaram que o selo também garante a procedência da matériaprima dos produtos da Amazônia brasileira, uma necessidade constatada pela Superintendência da Zona Franca de Manaus (Suframa). Nesta primeira fase, Rondônia vai avaliar quais produtos devem ter o Selo Amazônico, que podem ser desde biojóias até móveis. “Após a consolidação do programa, o empresário ou industriário deverá avaliar se o seu produto atende aos requisitos da norma ou regulamento”. ia

A I Feira Regional de Economia Solidária e Agroecologia de Cacoal será realizada nos dias 8 e 9 de junho, quando ocorre a Semana Mundial do Meio Ambiente. O evento terá a realização de palestras, oficinas e mesas redondas e a exposição de produtos orgânicos e de pequenas agroindústrias de sete municípios: Cacoal, Pimenta Bueno, Ministro Andreazza, Espigão do Oeste, Parecis, Primavera de Rondônia e São Felipe do Oeste. Os produtores orgânicos terão ainda a oportunidade de trocar sementes crioulas e os artesãos poderão expor e permutar seus objetos de artesanato. Os representantes de comunidades indígenas também terão espaço para apresentar seus trabalhos dentro da feira. Durante dois dias, serão apresentados diversos temas, como agroecologia, economia solidária, entre outros assuntos.

de diversos ramos da economia, em todo o Estado, para geração de empregos e renda e qualificação dos empreendedores através de novas tecnologias e sistemas de gestão. Para a empresária do ramo de confecções de Cacoal, Linda Von Rondon, o programa é uma oportunidade para o crescimento do setor. “Temos que ser unidos e pensar em como queremos que o estado se desenvolva no segmento de confecções. Só assim poderemos um dia atingir o mesmo nível da indústria do sul do país”, resume.

O Governo da Cooperação em Ação.

dôn

Arranjos Produtivos em Cacoal e região são conhecidos

Ron

agroindústrias apresentam produtos

7


Agenda cultural de abril 18 a 22 em Cacoal Semana dos Povos Indígenas 18 a 24 em Costa Marques Festa do Divino Espirito Santo

Dominguinhos será reformado

19 a 22 começa em Espigão D’Oeste, segue para Pimenta Bueno, depois Primavera e termina em São Felipe 9ª Cavalgada da Região Norte

24 a 30 em Alto Paraíso Corrida de Jericos

O Teatro Dominguinhos, em Ji-Paraná, passará por uma reforma ainda neste ano. Um convênio de R$ 95 mil foi firmado no final de março passado. O teatro possui capacidade para 200 pessoas e recebe vários eventos de apresentações musicais a exposições.

Artesãos expõem na MadeiraMamoré A ideia era reunir homens e mulheres que entalham, pintam, desenham, criam e dão forma ao artesanato rondoniense. Deu certo. No final de março, cerca de 100 artesãos de todo o Estado participaram da 1ª Semana do Artesanato de Rondônia, batizada de ‘O artesanato é cem no centenário da Estrada de Ferro’. Mais de cinco mil pessoas passaram pelos estandes montados no galpão 2 da Estrada de Ferro Madeira-Mamoré, onde as peças foram expostas e comercializadas. A artesã Osvaldina Turi veio de Cacoal com o marido Antônio Tessarolo expor peças feitas de tecido e aprovou a iniciativa do governo em reunir em um único espaço artesãos de todos os municípios. Osavaldina fez bons negócios. “Costumo vender cerca de R$ 4 mil por mês e em quatro dias superei esse valor”, comemora. Nas quatro noites de exposição, houve a apresentação de músicos regionais: Kali Tourinho e os Calhordas, Manoa, Caribé, Minhas Raízes, H Montenegro, Silvio Santos e Silvinho, Grupo de Chorinho entre outros.

Artesanato e música regional durante quatro dias

Edital para galeria está disponível até dia 30

Os campeonatos de futebol do município de Urupá vão ganhar uma luz. Um convênio de R$ 100 mil será destinado à iluminação do estádio local, onde anualmente são realizados campeonatos com os quase 20 times da região. O estádio também é utilizado por 90 crianças de uma escolinha de futebol. Além das competições o estádio abriga também uma escolinha que atende cerca de 90 crianças.

Artistas plásticos de todo o Estado que queiram expor suas obras na Galeria de Artes Visuais Afonso Ligório, na Casa da Cultura Ivan Marrocos, em Porto Velho, já podem se inscrever para o 5º processo seletivo. O edital de seleção é aberto para todo o país, mas os rondonienses têm prioridade. A galeria é exclusiva para exposições de artes visuais e exige a publicação de edital para que os interessados sejam submetidos a uma curadoria. As inscrições são gratuitas e podem ser feitas até o dia 30 de abril. As propostas podem ser

Ron

8

dôn

ia

Estádio de Urupá será iluminado

O Governo da Cooperação em Ação.

Galeria Afonso Ligório, em Porto Velho encaminhadas para o e-mail casadaculturaim@gmail.com. Ou então para o seguinte endereço: Casa da Cultura Ivan Marrocos, avenida

Carlos Gomes, 563, bairro Caiari Porto Velho – RO, CEP. 76.801-150. O edital está disponível no site: www.secel.ro.gov.br

Olha aí Rondônia  

Olha aí Rondônia

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you