Page 1

CINEMA, PÁGINA 20

VEÍCULOS, PÁGINA 14

TV, PÁGINA 16

Sacha Baron Cohen é o astro em ÂO DitadorÊ

Nova Ranger a partir de R$ 78 mil

Cláudia Leitte no ÂCaldeirão do HuckÊ Tiragem desta edição

6.000

exemplares

A

PÁGINA 8

ST

AC

Oeste

ADE

Cidade Universitária II é L lançado com 813 lotes A N A M E Um edifício projetado S E EVI M R para a elite. Página 10 ID

Ano II ❑ Nº 62 ❑ Luís Eduardo Magalhães, 12 a 18 de maio de 2012

Preço do exemplar

R$ 1,00

Luís Eduardo agora tem 34,3 mil eleitores Novos eleitores e transferências de títulos chegam a 4,7 mil. Páginas 4 e 6 RAUL MARQUES

Nos três dias anteriores ao fim do prazo, longas filas se formaram na Rua Rui Barbosa, onde se localiza o Fórum.

Milho deve ultrapassar a soja em produção PÁGINA 12

Menino desaparecido volta para casa PÁGINA 23


2 INFORMAÇÃO

E OPINIÃO

Oeste Semanal ❒ Luís Eduardo Magalhães, 12 a 18 de maio de 2012

PREZADO LEITOR ter sido usados perto de 105 metros de fita.  --E a Polícia de Minas Gerais, o que faz? Parece que nada. Não é impossível chegar à quadrilha. Há contas bancárias nas quais as vítimas depositam dinheiro e números de telefones pós-pagos, rastreáveis. Leves e soltos, os vigaristas continuam agindo. Na quarta-feira, 9, fizeram nova tentativa de inserção de anúncio de empréstimos neste jornal.

REPRODUÇÃO do anúncio dos vigaristas no Classe A. Os números de telefones foram tapa-

dos com fita adesiva de cor branca.

Classe A e leitor caem no conto do crédito fácil pessoal do jornal Classe A deveria ler Oeste Semanal e este Prezado Leitor. Se o fizesse, não teria comprado trem de vigaristas de Minas Gerais. Classe A veiculou anúncio de falsa financeira e levou pelo menos um de seus leitores a cair no conto do crédito fácil e barato. “Linha de crédito de 10 mil a 260 mil Para todas as classes social (sic), pessoa física e jurídica sem consulta ao SPC e Serasa para abrir negócios, comprar imóvel, pagar dívidas, viagens, fazer capital de giro e etc.... Não cobramos taxa de seguros fianças”, dizia anúncio dos vigaristas publicado nas últimas edições de Classe A. O anúncio trazia ainda números de dois telefones - 0xx31-3588-2454 ou 0xx319505-3625 – um de fixo e outro de celular.  J.L. (a identidade da vítima foi preservada pela Polícia para não expô-la ao ridículo), técnico administrativo, registrou queixa na Delegacia de Luís Eduardo na sexta-feira, 4, dizendo-se vítima de golpe que lhe causou perda de R$ 1 mil. A vítima pretendia empréstimo de R$ 10 mil. Segundo o boletim de ocorrência, J. L. leu o anúncio no Classe A e chegou a ligar para o jornal em busca de informações sobre o anunciante, cujo nome não aparece no anúncio. J.L. afirma no boletim ter ouvido do jornal que se tratava de empresa idônea. Disse que o jornal chegou a lhe passar o CNPJ 33.040.601/0001-87 como sendo da financeira. O CNPJ é da Sociedade de Crédito, Financiamento e Investimento Mercantil do Brasil, do Banco Mercantil do Brasil (BMB), que não faz anúncio de financiamentos. J.L. informa no boletim que, no contato com a falsa financeira, foi convencido, para obter o empréstimo de R$ 10 mil, a realizar dois depósitos, em conta na Caixa Econômica Federal que não menciona no registro policial. Os de-

O

Publicação da Oeste Comunicação Integrada Ltda. Rua Jorge Amado, 1.327 – Jardim Paraíso – CEP 47.850-000 – Luís Eduardo Magalhães/BA Inscrição municipal 007132/10 CNPJ 12.835.627/0001-41 - Telefone (77) 3628-0686

oestesemanal@diariodooeste.com.br

pósitos foram de R$ 389,00 e de R$ 611,00, a título de “seguro de garantia” do financiamento. Depois que realizou os depósitos que totalizaram R$ 1 mil, a vítima não conseguiu retomar contato com a quadrilha. Os golpistas são os mesmos que tentaram publicar anúncio em Oeste Semanal no final de setembro do ano passado. Na época, usavam CNPJ de Fundo de Investimento do Banco Mercantil do Brasil. Como fundo de investimento não faz empréstimo, o jornal consultou o banco e este informou tratar-se de golpe. Em janeiro, provavelmente a mesma quadrilha voltou a tentar publicar anúncio em Oeste Semanal, desta feita utilizando CNPJ da financeira Intermedium. “Aqui na Bahia não compramos trem de vigaristas amadores de Minas Gerais”, disse o repórter ao informar a um dos vigaristas que a área comercial não aceitaria a publicação do anúncio de oferta de crédito barato e fácil. O jornal noticiou a ação dos vigaristas nas edições 30 e 46. J.L. descreve no boletim que outras pessoas na Cidade foram vítimas da quadrilha. Não registraram queixa por temer exposição ao ridículo. Ao tomar conhecimento da queixa de J.L., o jornal Classe A estava com a edição 284 já impressa, e com o anúncio dos vigaristas. encontrou solução inédita na imprensa para ocultar a oferta de golpe: colocou espécie de esparadrapo sobre os números de telefones do anúncio, em cada exemplar, como mostra reprodução acima. Se a edição 284 de Classe A teve tiragem de 3 mil exemplares, como informa seu expediente, o jornal deve ter gasto bom dinheiro com a fita-apaga-golpe. No exemplar à mão, a fita tem 3,5 centímetros de cumprimento por 1,2 cm de largura. Devem

Penitência em Roma O governador Jaques Wagner embarcou na terça-feira, 8, para encontro com o Papa Bento XVI na quinta-feira, 10. Sua Excelência certamente aproveitou o encontro para penitenciar-se da pachorra do Governo do Estado no socorro às populações atingidas pela longa estiagem. O governo estadual  esperou 100 dias sem chuva para anunciar, na terça-feira, 8, que as prefeituras dos municípios baianos afetados começariam a receber o montante de R$ 10 milhões obtidos junto ao Governo Federal para a contratação de caminhões-pipa.  A verba já saiu tarde, na metade de abril, mas não foi distribuída imediatamente porque a burocracia federal exigia que as prefeituras tivessem o cartão da Defesa Civil. Sem cartão, sem caminhão-pipa, tal como o inferno descrito por Kafka em O Processo. Só agora, o Governo resolve dispensar o cartão. Mas as prefeituras ainda terão que assinar convênio para botar a mão no dinheiro, coisa de R$ 50 mil cada, no máximo. Enquanto isso, gente penando com a falta de água e animais morrendo. Em situação de emergência, governo que é governo bota banquinho na praça e contrata caminhão-pipa. Vai acabar chovendo antes que os caminhões-pipa cheguem.

De acordo com o documento, é possível criar condições mais favoráveis à expansão do crédito, reduzindo as taxas básicas, mas uma ampliação efetiva das operações passa por postura mais agressiva, tanto dos emprestadores como dos tomadores de crédito, que por sua vez depende de expectativas econômicas mais otimistas”. A análise ressalta que a redução da taxa básica de juros (Selic) pode ter pouco efeito se os bancos segurarem os empréstimos por causa da inadimplência e o consumidor se retrair porque está endividado. No dia seguinte, por pressão do Governo federal, a Febraban se viu obrigada a divulgar nota oficial desautorizando o relatório semanal de seu economista-chefe.

Oeste Semanal na ABI ALERJ

O jornalista Antonio Calegari, de Oeste Semanal, foi eleito membro suplente do Conselho Deliberativo da Associação Brasileira de Imprensa (ABI), entidade com mais de um século de lutas pelas liberdades democráticas. Na eleição, realizada no último dia AZÊDO 27, foram escolhidos membros do Conselho Deliberativo, para o triênio 20122015, e do Conselho Fiscal, para o exercício social 2012-2013. A ABI é presidida pelo bravo jornalista Maurício Azêdo. A excelência da administração tem levado o quadro social a reeleger Azêdo desde que foi conduzido ao comando da ABI, em 2004.

Resposta dos bancos

ÂMãeÊ, de Mário Quintana

A Federação Brasileira de Bancos (Febraban) rechaçou, em seu relatório semanal divulgado na segunda-feira, 7, a pressão do governo federal para que os bancos privados reduzam suas taxas de juros. Assinado pelo economista-chefe da federação, Rubens Sardenberg, o texto minimiza os reflexos da mexida na poupança e diz que a queda do custo do dinheiro se daria naturalmente, devido à crise na economia mundial. “Enquanto não houver indicações de uma recuperação importante da atividade doméstica e/ou seguirmos assistindo a uma piora das expectativas em relação ao cenário externo, o Copom continuará reduzindo a taxa Selic”, diz o relatório.

“Mãe... São três letras apenas As desse nome bendito: Também o Céu tem três letras... E nelas cabe o infinito. Para louvar nossa mãe, Todo o bem que se disse Nunca há de ser tão grande Como o bem que ela nos quer... Palavra tão pequenina, Bem sabem os lábios meus Que és do tamanho do Céu E apenas menor que Deus!” Prezado Leitor recorre ao grande poeta Mário Quintana para homenagear as mães neste 13 de maio. ■ RelatórioReservado está na página 13

SÓCIOS-DIRETORES Antonio Calegari / Pedro Callegari

CIRCULAÇÃO Aroldo Vasco de Souza

REDAÇÃO João Penido (editor), Antonio Calegari, Luciano Demetrius Leite, Raul Beiriz Marques, Rafael Dias, Sebastião Nery, Tizziana Oliveira, Henrique Cabelo (fotógrafo e diagramação), Paulo Cezar Goivães (projeto gráfico)

IMPRESSÃO Câmara Gráfica Csg 09 – LOTE 03 – GALPÃO 03 – Taguatinga Sul – Distrito Federal – Fone (61) 3356-7654

impressão do jornal, na Imprima Editora & Gráfica LTDA, a par tir das 23 horas das sextas-feiras e quando do início da distribuição das edições, na Rua Jorge Amado, 1.327 – Jardim Paraíso – Luís Eduardo Magalhães, a par tir das 7 horas da manhã dos sábados.

PUBLICIDADE Juliana Cadore - (77) 9988-0114 Walmor Stresser - (77) 9953-8224

TIRAGEM* 6 mil exemplares *Tiragem jurada pela editora, comprovável quando da

As publicações da Oeste Comunicação – Oeste Semanal e DiariodoOeste.com.br não publicam matérias redacionais pagas sem caracterizá-las como Informe Publicitário. A Oeste Comunicação também edita o site online DiariodoOeste.com.br.


Oeste Semanal ❒ Luís Eduardo Magalhães, 12 a 18 de maio de 2012

3


4 CIDADE

Oeste Semanal ❒ Luís Eduardo Magalhães, 12 a 18 de maio de 2012 FOTOS DE RAUL MARQUES

ADRIANO RODRIGUES

DEIVIDSON ROCHA

GISELE SANTOS

AILSON SILVA

ANE ROBERTA E JOSÉ MARCOS

WELLINGTON ROCHA

EDER FERREIRA

Mais 4,7 mil eleitores

Após campanha de transferência de títulos, Luís Eduardo dever ficar com 34.300 votantes

RAUL MARQUES Da Oeste Comunicação

A

campanha “Quem mora aqui, vota aqui”, para motivar eleitores de outros municípios que moram na Cidade a transferirem o título para Luís Eduardo Magalhães, conseguiu aumentar o colégio eleitoral em cerca de 4.700 votantes, segundo estimativa de uma fonte do Poder Judiciário. Os números estão sendo computados pelo cartório eleitoral de Luís Eduardo e o resultado final ainda depende da aprovação dos Requerimentos de Alistamento Eleitoral (RAEs) entregues pelos eleitores. Antes da campanha, Luís Eduardo tinha 29.527 eleitores aptos a votar, frente a uma população de 60.129 habitantes, conforme dados do Censo de 2010 do IBGE. Encerrado o prazo para a transferência de títulos , deve ter ficado com 34.300, crescimento de 16,3%. São mais 4.773 eleitores. Quando a campanha foi lançada, há oito meses, a Justiça Eleitoral esperava um acréscimo de 6 mil no número de votantes. Em 2010 a cidade tinha 49,1% dos habitantes registrados no cartório eleitoral e aptos a votar. Apesar do crescimento em números, este percentual deve ter se mantido após a campanha desenvolvida pela Prefeitura, Poder Judiciário e Câmara Municipal, com apoio da sociedade local. Brasileiro sempre deixa tudo para o final. Prova disso é o que aconteceu no cartório eleitoral da Cidade nos dias 7, 8 e 9 de maio, os três últimos para regularização do título de eleitor em Luís Eduardo Magalhães. Depois da tranquilidade verificada nos meses anteriores ao prazo final, de segunda a quarta-feira passadas, segundo fonte que trabalha no Fórum da cidade, devem ter sido atendidas mais de 1,2 mil pessoas. Calculando o horário extraordinário feito pelos atendentes - 12 horas diárias de trabalho - em média isso equivale a 11,14 pessoas atendidas por cada um dos três funcionários a cada hora de trabalho. “Neste total não estão incluídas as pessoas que saíram e voltaram para acertar a

entrega de documentos. Cerca de 40% das pessoas não estavam com os documentos regularizados”, disse o funcionário, informando que pelo menos quatro a cada dez atendidos apresentavam pendências na apresentação de documentos. Nos três dias, a fila sempre era grande, respeitadas as características de cada problema apresentado em dias diferentes. Segundafeira, 7, foi mais tranquilo. Embora a fila fosse grande, não chegava a apresentar tumulto em razão de ainda faltarem dois dias – até a quarta-feira, 9 – para a regularização do título. A terça-feira, 8, foi o dia mais crítico. A fila começou a ser formada timidamente às duas horas da manhã e por volta do meio-dia chegava a atravessar a Avenida Brasília. Foram horas e horas debaixo de um Sol forte, sem que os funcionários pudessem imprimir velocidade maior ao atendimento. Segundo cálculos dos guardas municipais que trabalharam no Fórum, na terça-feira, 8, devia haver mais de duas mil pessoas na fila do cartório eleitoral por volta das 11 horas. Foram distribuídas 250 senhas, o que acabou deixando com raiva quem não conseguiu uma. Por volta das 21 horas, funcionários visivelmente exaustos começavam a sair do cartório eleitoral.

Senhas. Na quarta-feira, dia 9, o promotor do Juizado Cível de Luís Eduardo Magalhães, Sávio Henrique Damasceno Moreira, resolveu colocar um pouco de ordem na casa, embora deixasse transparecer que não haveria condições físicas e humanas de atingir as metas estabelecidas com a equipe do cartório eleitoral. Ficou acertado que seriam distribuídas 250 senhas, total estimado pelos funcionários do cartório como possível de atender em um dia. Caso houvesse agilidade no atendimento, o que poderia ocorrer, mais 50 senhas seriam distribuídas por volta das 15 horas, o que não aconteceu. O último dia – quarta-feira, 9 - foi aquele em que mais pessoas apresentaram problemas na documentação, desde o comprovante de residência mais recente à falta de identificação. Boa parte dos eleitores, equivocadamente,

levava uma conta de luz ou de telefone recente, quando a Justiça exigia contas vencidas há mais de três meses. Houve gente que saiu e voltou três vezes até estar com tudo certo. Tudo isso acontecia apesar da triagem feita por alguns funcionários do Fórum e do guarda municipal que tomava conta do portão de entrada, Vanzerley Amador dos Santos. Os funcionários orientavam sobre a documentação e enfrentavam a ira de quem chegou relativamente cedo ao Fórum e não conseguiu a senha, por volta das sete horas da manhã. Basicamente, só obteve senha quem chegou até às 6h30. A partir daí as pessoas tiveram que aguardar as senhas das 15 horas, que acabaram não sendo distribuídas. Isso aconteceu porque à medida em que os eleitores iam entrando, os problemas apareciam e elas tinham que retornar. Se às 9h25 o número 27 era o primeiro da fila, o ritmo de novos atendimentos foi diminuindo conforme o dia passava. Boa parte dos eleitores caía em exigência e tinha que retornar com a documentação correta. Por volta das 19 horas, quando foi chamado o número 250 - o último da fila -, havia mais 72 pessoas nos corredores internos do Fórum para cumprir exigências, como o dono da senha 106, que retornou ao local por falta de comprovante de residência. Para se ter uma ideia da velocidade decrescente da fila, nas primeiras três horas foram chamados pelo guarda municipal Vanzerley os portadores de senha até o número 90. O número 130 só foi chamado às 15 horas. Isso, levando-se em consideração que entravam no Fórum de 20 em 20 pessoas por vez.

Reclamações. Nem todos na fila tinham ciência que o problema ali era causado basicamente pela mania do brasileiro de deixar tudo para o último dia. Uns culpavam a Justiça, pela lentidão. Outros jogavam a culpa na Prefeitura, que, afora o espaço cedido ao Fórum e o empréstimo de alguns funcionários, não tinha qualquer participação

direta no problema. Houve até gente que colocou a culpa no “patrão”, que só os liberou naquela data – 9 de maio – para acertar a vida com a Justiça Eleitoral. O tom das reclamações beirava a revolta, com muita gente dizendo que não ia votar mais em ninguém por causa do transtorno. Um eleitor que chegou às sete e meia da manhã ameaçou rasgar o título para demonstrar sua indignação, mas foi contido e aconselhado a ter paciência. A situação foi se agravando também por conta de alguns carros que chegavam trazendo mais gente para engrossar a fila que se formava à frente do Fórum, na rua Rui Barbosa. Havia carros com adesivos de partidos políticos com os números 11 – do PP, partido do prefeito Humberto Santa Cruz, candidato à reeleição, 12, - do PDT do deputado Oziel Oliveira, ex-prefeito e principal candidato de oposição -, e 13, do PT de Lula. Quem não havia pegado senha às sete horas, quando foi feita a distribuição e deixado alguém marcando lugar na fila não conseguiu ser atendido. Até um carro da Câmara de Vereadores foi visto no local. Possivelmente, o do vereador Alaídio Castilho de Moura, já que quem o dirigia era o seu auxiliar no programa da Rádio Mundial, Antonio Leite, conhecido por Pangaré. Ele foi visto passando várias vezes com o carro da Câmara pela porta do Fórum.

Na fila. Exatamente às 9h25m de terçafeira, o operador de máquinas Adriano Rodrigues, estava prestes a ser atendido. Havia chegado à fila do Fórum às 3 horas da madrugada. Baiano de Irecê e morador do Santa Cruz, ele não entende a obrigatoriedade do voto. “Devia ser livre. A pessoa vota se quiser. A gente quer votar. Vê uma fila destas e desanima”, disse. No entanto, reconheceu que podia ter feito antes seu credenciamento junto à Justiça Eleitoral. Naquele horário, Adriano não sabia se iria conseguir tranferir o título e participar das próximas eleições. ➧


Oeste Semanal ❒ Luís Eduardo Magalhães, 12 a 18 de maio de 2012

5 INFORME PUBLICITÁRIO


6

Oeste Semanal ❒ Luís Eduardo Magalhães, 12 a 18 de maio de 2012 FOTOS DE RAUL MARQUES

Muitos não conseguiram ser atendidos À frente de Adriano, estava Deividson de Oliveira, de 19 anos. Morador do bairro Mimoso I, tinha a senha 25 e esperava sua vez de concluir o processo de inscrição na Zona Eleitoral da Cidade. Deividson disse que fazia questão de votar para prefeito na Cidade em que mora, apesar de ser natural de Barreiras. Também havia jovens na fila. A paulista Gisele Oliveira Santos, moradora do Jardim das Acácias, resolveu acertar toda a documentação nos últimos dias. “Tirei carteira de identidade, CPF e o título de eleitor”, disse a jovem de 17 anos, para quem votar é um ato de cidadania muito importante para o ser humano. A senha de número 40 de quarta-feira foi entregue a Rosângela Barbosa Leite, baiana de Irecê, que estava pelo segundo dia na fila do cartório eleitoral. “Já estive aqui ontem (terça-feira,8) e não fui atendida. Hoje (quarta-feira,9), cheguei às 3h30 da madrugada e peguei o número 40”, disse, reforçando ser favorável ao voto livre. O estudante Wilson Santos, de 16 anos, quer estrear seu voto nestas eleições. Para isso, estava na fila, embora não mostrasse muita animação. Wilson entende que deve começar cedo, em tudo, para ajudar a família, inclusive pelo lado da responsabilidade. Aílson Brotas da Silva chegou na fila no mesmo horário de Rosângela e recebeu o número 41. Ele veio de Cafarnaum para Luís

RAFAEL ALMEIDA

CLÓVIS PEREIRA

Eduardo Magalhães, onde conseguiu emprego. “Quero fazer tudo aqui, onde trabalho e moro”, disse o pedreiro. O casal Ane Roberta Santos Silva e José Marcos dos Santos não teve tanta sorte. Os dois estavam sentados em um terreno usado como estacionamento, do outro lado da Rua Rui Barbosa, em frente ao Fórum, e mostravam desânimo. “A gente vai esperar para ver se são distribuídas novas senhas às 15 horas”, disse Marcos, que veio com sua esposa de Japaratinga, no Estado de Alagoas.

Desistências e revolta. Muita gente deixou para lá. Apesar dos insistentes permane-

RENATO ROCHA

CRISTIANO ANDRADE

ceram em uma fila informal de quem não tinha senha, houve quem pensasse bem e optasse por vir mais tarde ou, simplesmente, não votar nesta eleição. Isso foi mais comum a partir do meio-dia de quarta-feira, quando o sol ficou bem mais forte. O protético Wellington da Rocha chegou no Fórum às 8 horas. Não conseguiu senha e disse que, se desse, voltaria à noite. Baiano de Riachão das Neves, já cogitava justificar o voto. Entre os que estavam sob o sol forte estava o operador de máquinas Rafael de Almeida, que disse só ter sido liberado na quarta-feira, 9, para providenciar o título de eleitor. Morador no Santa Cruz, Rafael trabalha em uma fazen-

da a 75 quilômetros da cidade e é natural de Pesqueira, em Pernambuco. Assim que o dia ia chegando ao fim – e passava das 15 horas sem que houvesse sinal das novas senhas -, o povo foi se irritando e abandonando o barco. Um dos que mais se queixava da FRANCISCO SILVA falta de estrutura era o administrador de empresas Cristiano Andrade. “Eu não entendo é porque sou obrigado a vir ao cartório eleitoral para regularizar minha situação. Faz-se tudo on line hoje em dia. CPF, consulta-se pela Internet. Imposto de Renda, também. Até o voto é eletrônico. Parece que querem manter uma espécie de controle sobre você com esta história de título de eleitor. Como se fosse para lhe mostrar que você é menos importante do que a política. Do que os políticos que vão estar sendo eleitos”, disse. Cristiano não foi atendido. Eram 19 horas e não havia mais como distribuir novas senhas. Ele e o seu padrasto Francisco Pereira da Silva, bispo da Igreja Jesus Cristo Santo dos Últimos Dias, foram embora sem regularizar o título.■

RAUL MARQUES

OBJETIVO das obras na Rua Lacir Marcio Hendges é evitar que os moradores utilizem a BR 020/242 para se deslocar na Cidade

Obra na paralela para aliviar trânsito na BR DA REDAÇ‹O A Prefeitura está melhorando as condições de trafegabilidade da Rua Lacir Marcio Hendges, da Avenida Salvador até a Avenida Kichiro Murata, no entroncamento do Jardim Paraíso com o acesso à Câmara de Vereadores e ao Jardim das Acácias. A Rua Lacir Marcio Hendgs é a paralela à BR 020/242 e encontrava-se intrafegável, com mato e muitos buracos. Também está sendo feito um acesso do Jardim Paraíso para a Kichiro Murata atravessando a rodovia. Estão também sendo aceleradas as obras de asfaltamento da Avenida Salvador até a BR 020/242, no trecho em frente à delegacia. A recuperação

da Rua Lacir Marcio Hendges é uma parceria público privada (PPP) da Prefeitura com empresários da Cidade. O objetivo destas obras, segundo o secretário de Infraestrutura, Sérgio Verri, é dar opções aos moradores de Luís Eduardo Magalhães para que evitem usar a rodovia para trafegar na Cidade e passem a utilizar as duas vias. “É melhor para todo mundo”, disse Verri. A recuperação da Avenida Salvador está sendo feita pela empresa JNN. “Esta obra estava prometida para o ano passado, mas as chuvas impediram que fosse realizada. Estamos aproveitando este período de seca para melhorar a via”, disse Verri. Segundo informou o secretário, o trecho da Avenida Salvador, onde fica a delegacia, com-

preende a construção do final da avenida, já que ali era apenas um terreno descampado e que vivia cheio de lama, lombadas e buracos. “Ali, naquele trecho, será feito um asfaltamento com capa selante, o que temos de melhor”, disse. Já o trecho feito em PPP corresponde a cerca de 1,4 mil metros de extensão e será coberto com cascalho e patrolamento, segundo informações dos operários que estavam operando máquinas e colocando terra para acertar o nível da pista em relação ao canteiro lateral da BR, nesta sexta-feira, 11. A obra, de acordo com Sérgio Verri, permitirá que quem mora, por exemplo, no Jardim das Acácias, e venha do Centro, utilize a Rua Lacir Marcio Hendges para pegar a Kichiro Murata ou seguir em direção aos demais bairros. A previsão é de que esteja pronto até o próximo mês. ■

Você já tomou seu shake hoje? Ligue para

(77)9971-8991 Elza Santos


Oeste Semanal ❒ Luís Eduardo Magalhães, 12 a 18 de maio de 2012

7


8C I D A D E

Oeste Semanal ❒ Luís Eduardo Magalhães, 12 a 18 de maio de 2012

Lançado o Cidade Universitária II ARQUIVO PESSOAL

RAUL MARQUES

Novo loteamento tem 813 lotes em área de 349,2 mil metros quadrados

ARQUIVO PESSOAL

DA REDAÇ‹O ais um loteamento em Luís Eduardo Magalhães, desta feita, aproveitando a experiência adquirida com o Cidade Universitária, empreendimento feito em 2005 e que começou a servir de base para o crescimento da região. O Cidade Universitária II está sendo lançado pela Ferreira Empreendimentos Imobiliários e comercializado pelo consultor de vendas Valdir Belchior e equipe. O novo loteamento fica no prolongamento do primeiro loteamento Cidade Universitária, no final da Rua Paraíba, em área de 349,221 mil metros quadrados. Serão comercializados 813 lotes, dos quais 410 para casas, 202 chamados de multifamiliares, nos quais podem existir casas de até dois andares ou estabelecimentos comerciais, e 201 de uso misto. Os lotes padrão têm 200 metros quadrados de área (oito metros por 25 metros) e preço à vista de R$ 33 mil, sendo que o financiamento pode ser feito em 84 vezes de 557,30, com entrada de R$ 5 mil. As prestações são reajustadas pelo Índice Geral de Preços do Mercado (IGP-M). Há lotes maiores, com 234,74 metros quadrados nos chamados meios de quadra, e 320 nos fundos das quadras. Na área comercial, destaca-se um lote com 1.371,29 metros quadrados, ideal para construção de uma loja de conveniência, supermercado, posto de gasolina ou uma loja de material de construção. O preço deste lote está na faixa de R$ 330 mil.

M

Sucesso. O sucesso do empreendimento nesta fase inicial foi tanto que o Cidade Universitária II não terá lançamento formal, segundo explicou um dos sócios do grupo Ferreira Empreendimentos, Rodrigo Ferreira. “Foram cerca de 200 lotes vendidos apenas com a veiculação de anúncios, tal a qualidade de vida proposta pelo projeto original. A demanda é muito forte para um projeto que aprimora a qualidade existente na primeira Cidade Universitária”, disse Rodrigo Ferreira, enquanto exibia planta baixa do loteamento com toda a primeira parte já comercializada, justamente a

RODRIGO FERREIRA

JOSÉ WALTER DE SOUSA FILHO

VICTOR RICARDO GOMES CARVALHO

que fica colada à Cidade Universitária I. Também são sócios no loteamento o diretor da Ferreira Empreendimentos Ltda, José Walter de Sousa Filho e Victor Ricardo Gomes Carvalho. Rodrigo Ferreira disse que as obras, que vão desde o preparo do solo ao asfaltamento, passando pela drenagem, estão em fase bem adiantada. A qualidade de vida destacada pelo empresário Rodrigo Ferreira é um dos fatores que mais pesam na hora do comprador escolher um lote no Cidade Universitária II. “Demoramos para escolher um projeto que nos apresentasse uma forma diferente e de qualidade de vida. Optamos pelo projeto arquitetônico que contempla ruas e calçadas largas, com muito espaço verde, e voltado também para as questões de segurança”, disse Rodrigo Ferreira, destacando que o loteamento é quase um condomínio aberto. O projeto é do arquiteto Fábio Silva Marcacini. “Só de área verde são 35.183 metros quadrados, sem falar dos 17,542 mil metros quadrados que poderão ser utilizados para a construção de praças ou áreas de interesse da comunidade, como pista de caminhada”, disse Rodrigo Ferreira.

grande, ainda mais com estes diferenciais, como área verde e espaço para circulação livre”, disse, destacando que os compradores são em maioria pessoas de fora de Luís Eduardo Magalhães. “Isso prova que a Cidade tem potencial para crescer”, disse. Neste ponto, Rodrigo Ferreira lembrou que o espaço do loteamento Cidade Universitária está na medida certa para crescer com qualidade. “A Cidade tem uma taxa de crescimento de 20% ao ano e deve continuar assim com ordenamento. Por isso, pensamos em um projeto para frente, que pudesse atender os desejos dos compradores, como investimento e como moradia”, disse. “Estes pontos são importantes porque geram uma vizinhança qualificada, sem que haja a desvalorização pela ocupação errada de um loteamento”, disse.

um lugar em que as pessoas se sintam bem, do que presas em ruas estreitas e fechadas e sem espaço para se locomoverem”, disse, destacando que as ruas também foram projetadas de tal forma que as pessoas não podem imprimir alta velocidade em seus veículos. Outro ponto que Rodrigo Ferreira considera importantíssimo é a praça bem no meio do loteamento, o que pode servir de ponto de lazer a todos os moradores. “Esta praça é fundamental pela cultura da cidade e pelo ponto de vista de quem quer espaço para passear com a família, bem como a área comercial, que pode agregar serviços e valores a uma área que tem tudo para se valorizar”, disse.

Diferenciais. O consultor de vendas Valdir Belchior destacou que o interesse inicial mostra o sucesso do empreendimento. “Foram vendas efetivadas só no início do loteamento. Venderá muito mais. A procura é

Ruas e calçadas. Rodrigo Ferreira lembrou que o traçado das ruas, bem como a colocação dos lados, foi alvo de estudos por parte da equipe que elaborou o projeto, para que não houvesse problemas para a frente. “O loteamento já sai com toda a infraestrutura montada, mas não é só isso que conta. Optamos por ruas largas, sem cruzamento, e calçadas que permitam, por exemplo, que um morador deixe seu filho andar na rua com segurança”, disse. “Pensamos em ganhar na qualidade dos lotes e não na metragem, como objetivam os grandes empreendedores. É melhor você ter

Valorização. Rodrigo Ferreira destaca que o loteamento é ordenado para evitar problemas com poluição, de qualquer tipo, e manter a ordem urbana. “Os terrenos são regulados para que tenham habitações ou comércio compatíveis com os locais em que estão. Este é o outro ponto importante para crescimento com segurança”, disse. As projeções, tanto da equipe de vendas como dos loteadores, são as melhores possíveis. Eles acreditam que cerca de 60% dos lotes comprados terão construções, o que implica valorização mais acentuada dos imóveis e melhores condições para quem for morar no loteamento. Está nos projetos da Ferreira Empreendimentos a construção de seis prédios (torres) de 11 pavimentos na entrada da Cidade Universitária. ■


Oeste Semanal ❒ Luís Eduardo Magalhães, 12 a 18 de maio de 2012

CIDADE

9

DIVULGAÇÃO

JÚLIO Soares, André Rossette Cardoso, Gilvan Antunes, Mario Alberto Simões Hirs, Danielle Luz e Rener Torres de Sá.

Novo prédio para o Fórum Tribunal de Justiça da Estado da Bahia promete executar obra, mas não fixa prazo RAUL MARQUES Da Oeste Comunicação s diretores do Clube dos Advogados de Luís Eduardo Magalhães (Calem), em visita a Salvador, receberam do presidente do Tribunal de Justiça do Estado da Bahia (TJ/BA), Mario Alberto Simões Hirs, a promessa da construção de um prédio para abrigar o Fórum de Luís Eduardo Magalhães. O Fórum, hoje, funciona em prédio alugado na Avenida Rui Barbosa. Segundo o presidente do Calem, Gilvan Antunes de Almeida, será montada uma comissão para tratar do assunto. “O novo Fórum ficará no futuro Centro Administrativo, perto da Câmara de Vereadores. A Prefeitura já doou o terreno para sua construção”, disse. O local onde hoje funcionam as varas de Justiça, a sala da Promotoria Pública Estadual e o Cartório eleitoral, na Avenida Rui Barbosa, tem o aluguel pago pela Prefeitura e é considerado pequeno para abrigar a demanda atual de processos. O presidente do Tribunal de Justiça aceitou o convite feito por dirigentes do Calem para visitar Luís Eduardo Magalhães. “Isso permitirá ao presidente do tribunal verificar in loco os problemas da Cidade e a razão dos nossos esforços para a construção de um Fórum em Luís Eduardo Magalhães”, disse Gilvan. Segundo o presidente do Calem, foi sinalizado, também, pelo presidente do TJ/BA a designação de juízes substitutos para auxiliarem os juízes titulares da Comarca até que sejam instaladas as Varas Judiciais que faltam. “A Cidade tem 70 mil habitantes e uma

O

demanda muito forte pela Justiça. Precisamos aumentar e crescer a força do Judiciário, em nossa Comarca”, disse. Além da diretoria do Calem, participou da reunião a procuradora geral do município, Danielle de Almeida Luz. Gilvan Antunes informou que foram discutidos outros pontos, entre os quais a regularização do serviço cartorário extrajudicial no município. “Quando tocamos neste assunto, o presidente do TJ/BA autorizou de imediato a aquisição de equipamentos para o cartório”, disse. Ficara acertado na semana anterior entre o prefeito Humberto Santa Cruz e o subtabelião do cartório de Barreiras, Jaider Silva Santos, com o aval do juiz corregedor auxiliar das comarcas do interior, José Carlos Nascimento, que o cartório de notas funcionará na sede do Centro Administrativo até o próximo dia 21 de maio. “Só faltava a Justiça garantir o envio de material e acertar o convênio, o que de fato conseguimos”, disse Gilvan. O advogado destacou que o Município de Luís Eduardo Magalhães foi elevado à condição de comarca de entrância intermediária em 1º de fevereiro de 2010. “Desde aquela ocasião deveríamos ter duas Varas para os feitos relativos às relações de consumo e às áreas Cíveis e Comerciais, duas Varas Criminais e uma Vara do Sistema dos Juizados Especiais. Isso não aconteceu. Deveríamos ter cinco varas atuantes, mas ficamos só com a atuação de um magistrado”, disse Gilvan. Os números, segundo integrantes do Calem, são mais ainda assustadores. “Tramitam na Comarca mais de 20 mil processos. Duas varas são insuficientes para atender uma Cidade do nosso porte”, disse

Gilvan, informando que o presidente do Tribunal ficou bastante impressionado com estes dados. “Foi praticamente quando ele tomou conhecimento desta demanda que o presidente do Tribunal olhou com mais atenção para as nossas reivindicações”, disse.

O presidente do TJ/BA também foi informado que o Fórum da Cidade não tem quadro de serventuários proporcional à demanda jurisdicional. “Existem somente um escrevente e um oficial de Justiça lotados nesta Comarca. Não é preciso dizer mais nada”, afirmou Gilvan. ■


10 C I D A D E

Oeste Semanal ❒ Luís Eduardo Magalhães, 12 a 18 de maio de 2012

Um edifício para a elite Residencial Bella Vita, no Jardim Paraíso, será o primeiro prédio da Cidade a ter heliporto DA REDAÇ‹O

RAUL MARQUES

portas de acesso dos apartamentos com fechadura biométrica. “As questões de segurança foram todas estabelecidas para atender as necessidades de tranquilidade, privacidade e bem estar dos moradores”, disse Ricardo Yee. - Para quem deseja morar em um condomínio de alto padrão, com toda a segurança e conforto, o Bella Vita Residence é a melhor opção de moradia para a elite do Oeste da Bahia - disse Alexandre.

er o endereço ideal para a elite do Oeste da Bahia é o objetivo do Bella Vita Residence, o mais inovador empreendimento imobiliário da região, que contará com todas as vantagens oferecidas por um projeto sofisticado e moderno, sendo o primeiro prédio da Cidade a ter um heliporto. A construção está a cargo da Fortec Construtora & Incorporadora e Atual Sustentabilidade. Fazer um Empreendimentos Imobiliários; projeto ecologicamente correto ambas têm como um dos sócios o foi uma das preocupações destaempresário Ingo Fischer, fundacadas pela arquiteta Fabiana dor da Fischer S/A, da cidade de Laurindo. “Não fizemos simplesBrusque, em Santa Catarina. mente um projeto. Desde a elaboO projeto, de acordo com sua ração até a implantação nos autora, a arquiteta Fabiana preocupamos com o meio Laurindo, também proprietária da ambiente, contemplando ações Fortec, traz a inovação na construque contribuem com a preservação, unindo sofisticação, conforto, ção e qualidade de vida a todos” segurança e lazer em um único O ENGENHEIRO Ricardo Yee, a arquiteta Fabiana Laurindo e Alexandre Ferreira de Carvalho, diretor da Terramac disse. Um dos destaques do proempreendimento. “A idéia é não jeto é a coleta seletiva do lixo denfazer só bonito. É fazer bonito e ecologicamente correto”, disse a arquiteta, Eduardo Magalhães há pessoas de todas as mentos, destacou que os apartamentos tro do próprio condomínio. “Também está prevista a captação de águas padrão terão três vagas de garagem e as explicando que toda a estrutura foi montada partes do Brasil”. “Segundo estudos, nos últimos anos houve coberturas, quatro. No seu entendimento, as fluviais, torneiras com fechamento automátomando por base aspectos de sustentabilidade. “O Bella Vita Residence trará um novo con- um aumento da permanência das pessoas em pessoas de Luís Eduardo Magalhães buscam tico nas áreas comuns e o gerenciamento de ceito de moradia em um endereço privilegiado casa. Isto se deu pela falta de segurança nas uma forma moderna de morar, que una con- resíduos durante a construção”, disse a arquiteta. Quem olha o canteiro de obras do da cidade de Luís Eduardo Magalhães”, disse o ruas e também pelo fato de que ficou mais forto e segurança. - Isso é muito importante para o comprador, empreendimento, por exemplo, pode perceengenheiro civil Ricardo Yee, também proprie- fácil trazer para onde se mora praticamente tário da Fortec. O prédio está localizado à Rua tudo, desde o lançamento de um filme à possi- especialmente no que diz respeito à proteção ber a organização e a preocupação da empreJorge Amado, 556, em frente à Praça Albano bilidade de se conectar ao mundo pela inter- do patrimônio. Outro ponto que destaco é a sa com a divisão e destino apropriado do chaPedro Lauck, no Jardim Paraíso, um dos locais net. As moradias tornaram-se mais acolhedo- área de lazer e diversão do prédio. Se o morador mado entulho gerado pela construção. O diretor da Terramac, Alexandre Ferreira, mais nobres da cidade, principal ponto de ras, confortáveis e muito bem equipadas. Esta desejar, não precisa sair de casa para se divertir. tendência, característica do novo comporta- Tem tudo ali no prédio - disse Alexandre. entende que a preocupação com o meio encontro no bairro nos finais de semana. A área de lazer tem 1.668,43 metros qua- ambiente é um dos pontos que serve de atra“Depois de avaliados o potencial cresci- mento social, foi considerada na elaboração drados, na qual estão instalados piscinas tivo para a venda de apartamentos. “Todo mento econômico e as características sociais do Bella Vita Residence”, disse Fabiana. O prédio terá 32 apartamentos, dos quais aquecidas para adultos e crianças, dois quios- mundo se preocupa com o meio ambiente da região, concluímos que para o porte do empreendimento proposto, este era o me- duas coberturas duplex, com 465,90 metros ques com churrasqueiras, salão de festas para hoje em dia. Isso é muito importante para dar lhor local da cidade”, disse Ricardo Yee. O quadrados de área construída. Será o maior até 150 pessoas, espaço gourmet, sala de um diferencial à obra”, disse. Sobre o pagamento, Alexandre Ferreira fato de o prédio estar localizado em frente à da Cidade, com 20 andares, sendo 17 deles jogos, playground, espaço baby, campo de Praça do Jardim Paraíso foi destacado. “Não residenciais, dois para garagens e um exclusi- mini golfe, paredão de escalada, cinema, SPA disse que a empresa Atual Empreendimenconsigo imaginar um prédio como o Bella vo para o lazer. “Os apartamentos tipo terão com hidromassagem, sala de massagem e tos financia e oferece outras formas de quitaVita em outro lugar em Luís Eduardo três suítes, sendo uma master, em 232,5 me- academia. “Neste espaço zen, o comprador ção que não seja simplesmente o pagamento tros quadrados de área privativa. Há também pode ter a oportunidade de relaxar em um mensal de prestações.  “Há quem queira Magalhães”, disse o engenheiro. o apartamento tipo diferenciado, que agrega ambiente agradável”, disse. pagar, por exemplo, a cada safra, de seis em O projeto. Fabiana Laurindo disse que “o área de solarium com hidromassagem. Este “Um dos destaques tecnológicos do seis meses, uma parcela. Fazemos negócio. O grande desafio na elaboração do projeto do apartamento tem 289,75 metros quadrados empreendimento e inovador na região foi a importante é fazer parte deste empreendiBella Vita foi traduzir o estilo de vida e o com- de área privativa. execução do estaqueamento, realizado em 14 mento que é o Bella Vita”, disse. portamento do público alvo da região. Era O diretor da Terramac, Alexandre Ferreira dias, através do sistema de hélice contínua O desafio de Ingo Fischer. Conforme o preciso propor soluções que atendam a uma de Carvalho, cliente do empreendimento e monitorada, que proporcionou rapidez e diversidade cultural, uma vez que em Luís credenciado na comercialização dos aparta- maior segurança durante esta etapa construti- engenheiro Ricardo Yee, há certos momentos da vida em que o homem troca os objetiva”, informou o engenheiro civil Ricardo Yee. O projeto também prevê espaço para lava- vos pelos desafios. “Se você já tem uma histógem de veículos, três elevadores, geradores de ria de realizações, as obras passam a ser CÍVIL energia, jardim com repouso, vestiário e copa desafiadoras. Conquistar e poder contribuir é exclusivo para os funcionários, portaria 24 muito melhor”, disse Yee. CRIMINAL Este é o caso de Ingo Fischer, dono de horas com monitoramento eletrônico, além de fazenda na região. Ingo é um empresário que TRABALHISTA começou a vida consertando bicicletas, com apenas 17 anos de idade, em 1961. Ele montou uma pequena oficina de conserto de bicicleAMBIENTAL Vendo: 02 grupos geradores de 500 KVA, fatas e logo quatro irmãos associaram-se a ele bricação STEMAC, com 50 horas de funcionana empreitada posterior, de transformar a mento, quadro de transferência automática em EMPRESARIAL oficina em fábrica de bicicletas. paralelo para os 2 geradores e transferência em Em 1966, a oficina transformou-se na rampa (transferência sem interrupção no retorno empre sa Irmãos Fischer Indústria e de rede ou em horário progamado) MÁRIO MACHADO JÚNIOR Comércio, que fabricava pias de aço inoxidáContato: Osmar Santos - fone: (62) 96171365 Rua Paraná 455 Grupo 203/204 Ed. vel e de fornos elétricos para uso doméstico. --Ana Luisa Aos poucos, a indústria foi diversificando a Vendo: 01 grupo gerador de 260 KVA, fabricaprodução. Hoje, a Fischer S/A está direcionação STEMAC, 145 horas de funcionamento, quaCentro - Luis Eduardo Magalhães - BA dro de transferência automática em rampa. da a quatro segmentos: construção civil, Tel.: 77 3628.0007 Contato: Osmar Santos - fone : (62) casas modulares, eletrodomésticos e biciclee-mail mmj.advs@hotmail.com 96171365. tas, consolidada como uma das maiores site: http://mmjadvs.jur.adv.br indústrias do Estado de Santa Catarina. ■

S

GRUPOS GERADORES À VENDA


A G R O N E G Ó C I O 11

Oeste Semanal ❒ Luís Eduardo Magalhães, 12 a 18 de maio de 2012

O avanço dos transgênicos Da área total de soja, 85,3% já estão ocupados com organismos geneticamente modificados DA REDAÇ‹O adoção da biotecnologia na atual safra brasileira deve atingir 31,8 milhões de hectares, com crescimento de 20,9% em relação à safra 2010/11 (26,3 milhões ha), de acordo com o segundo levantamento da consultoria Céleres, de dezembro último. No caso da soja, estima-se que 21,4 milhões de hectares ou 85,3% da área prevista serão cultivados com variedades transgênicas, aumento de 16,7% em relação ao plantio da safra anterior. Para a cultura do algodão, estima-se que a área plantada com variedades geneticamente modificadas totalize 469 mil hectares, ou 32,2% da área prevista. No caso do milho verão, a Céleres estima que serão semeados 4,93 milhões de hectares com híbridos transgênicos, crescimento de 1,54 milhão de hectares em comparação com a safra 2010/11 (+45,4%). Na cultura do milho inverno, a área semeada com materiais transgênicos deve crescer 20,9%, passando de 4,1 milhões de hectares na safra 2010/11para 4,98 milhões nesta safra. Com tal crescimento, 82,9% da área 2011/12 será semeada com materiais geneticamente modificados.

A

Soja. De acordo com a Céleres, os sojicultores brasileiros semearão 21,4 milhões de hectares com variedades de soja transgênicas na safra 2011/12, expandindo o uso desta tecnologia em 3,1 milhões de hectares, quando comparado com a safra anterior (+16,7%). Regionalmente, o Centro-Oeste já ocupa a liderança nacional no uso da soja geneticamente modificada (GM), com 9,1 milhões de hectares ou 42,7% da área total, seguida pela região Sul, com 8,7 milhões de hectares ou 40,4% da área total. Em terceiro lugar está a região Nordeste, que responde por 8% da área semeada com soja GM, ou 1,7 milhão de hectares. Algodão. O cenário para o algodão na safra 2011/12 passou por uma inflexão, que se refletiu em uma intenção total de plantio menor e, tam-

PLANTIO DE SOJA TRANSGÊNICA NO BRASIL - 2011/12 - 2º ACOMPANHAMENTO

FONTE CÉLERES

bém, numa menor taxa de adoção da biotecnologia. Na ocasião do 1º acompanhamento, em agosto de 2011, a Céleres projetava o plantio de 1,55 milhão de hectares, que foi reduzido para 1,45 milhão de hectares no segundo levantamento, em face da mudança do cenário de preços. Para a biotecnologia em si, a Céleres projetou no segundo levantamento o plantio de 469 mil hectares com variedades de algodão transgênico, com crescimento de 26,1% em comparação com o plantio da safra 2010/11, mas mostrando recuo de 22% em comparação com a estimativa do 1º acompanhamento. A principal alegação por parte dos cotonicultores para manterem-se conservadores – em comparação com a soja e o milho – no uso do algodão transgênico, segundo a Céleres, é a disponibilidade limitada de material genético adaptado às diferentes regiões produtoras do país. Pesa também, o problema do controle do bicudo, que não é alvo das atuais tecnologias transgênicas. Regionalmente, o Centro-Oeste segue como a principal região com o uso do algodão transgênico, com 256 mil hectares ou 54,6% da área total com biotecnologia, seguida pela região Nordeste, com 189 mil hectares, ou 40,3% da área total com biotecnologia.

Milho. Para o milho, o 2º acompanhamento da Céleres prevê que os transgênicos ocuparão 9,91 milhões de hectares, ou 67,3% da área total (verão + inverno) na safra 2011/12. Tal número representa o crescimento de 32% em comparação com os 7,5 milhões de hectares semeados na safra 2010/11. Na análise da safra total, os híbridos com características de resistência a insetos (RI) ainda representam a maior área semeada (4,9 milhões ha), mas as tecnologias de genes combinados já se aproximam da liderança, com 4,4 milhões de hectares. Mantendo tal ritmo, observa a Céleres, na safra 2012/13 as tecnologias de genes combinados (stack genes), assumirão a liderança entre os produtores de milho no Brasil. Já na safra inverno, as tecnologias de genes combinados representarão a maior parte da área semeada com híbridos transgênicos. Ao analisar especificadamente os números da safra verão, a Céleres estima que serão semeados 4,93 milhões de hectares com híbridos transgênicos, com crescimento de 1,54 milhão de hectares em comparação com a safra 2010/11 (+45,4%).Tal fato, observa a consultoria tem forte influência do cenário favorável de preços para a cultura do milho, sobretudo para

os agricultores que atingem elevados níveis de produtividade. E nesse quesito, o uso dos híbridos transgênicos tem se mostrado uma importante ferramenta para alavancar a produtividade nas lavouras com alta tecnologia. A análise dos números de adoção para a safra inverno 2011/12 indica o crescimento de 20,9% na área a ser semeada com materiais transgênicos, passando de 4,1 para 4,98 milhões de hectares. Com tal crescimento, 82,9% da área a ser semeada na safra inverno 2011/12 será semeada com materiais transgênicos. Regionalmente, o Sul do país é a região onde se observa a maior concentração do milho transgênico, com 2,2 milhões de hectares ou 43,9% da área total com transgênicos, seguida pelo Sudeste, com 1,47 milhão de hectares (29,9% do total). Para a Céleres, a dispersão geográfica da adoção do milho transgênico, sobretudo no Centro-Sul, evidencia a inexistência de restrições comerciais ao cultivo desta tecnologia. Por outro lado, a baixa adoção do milho transgênico no Norte e Nordeste também evidência a disparidade tecnológica entre os diferentes produtores de milho no Brasil, visto que o milho transgênico é adotado essencialmente por produtores altamente tecnificados. ■


12 A G R O N E G Ó C I O

Oeste Semanal ❒ Luís Eduardo Magalhães, 12 a 18 de maio de 2012

Milho deve superar a soja Céleres prevê que a safra de milho será recorde, com 65 milhões de toneladas, maior do que a de soja JO‹O PENIDO Da Oeste Comunicação produção nacional de milho, na safra 2011/12, poderá alcançar a marca recorde de 65,003 milhões de toneladas, alta de 20, 9% em relação ao volume produzido na safra anterior. Com isso, o milho pode superar a soja, cuja produção deve ficar em 64,954 milhões de toneladas, com queda de 13,2% ante a safra anterior, devido a uma forte baixa na produtividade, causada pela seca, que atingiu sobretudo o Rio Grande do Sul. As previsões são da consultoria Céleres, que divulgou na segunda-feira, 7, o 10º acompanhamento da safra 2011/12. Essas previsões foram respaldadas pelo IBGE, que na quinta-feira, 10, também previu que o milho desbancará a soja (ver box). A Céleres diz que a possibilidade de o milho superar a soja ocorrerá caso o clima continue colaborando com o bom desenvolvimento da safra de inverno do grão, que também deve ser recorde, com 36,007 milhões de toneladas (alta de 39% sobre a safra anterior), somando-se a 28,996 milhões da safra de verão, que já está 96,5% colhida. A consultoria informou que, com o avançar dos trabalhos de colheita do milho da safra de verão, pequenos ajustes nos dados de área e de produtividade foram feitos, o que gerou a estimativa de produção de 36 milhões de toneladas na safra de inverno (alta de 9% sobre a safra anterior). Mesmo com a redução na produtividade das lavouras, em virtude de problemas climáticos, a produção na safra de verão 2011/12 apresenta resultado superior em relação ao da safra anterior, graças à ampliação da área cultivada. A área estimada de plantio na safra de verão é de 8,834 milhões de hectares, alta de 16,7% em comparação à de 2010/11. A produtividade média projetada para a safra verão 2011/12 é de 4.076 kg/ha, queda de 6, 1%, em relação à safra 2010/11. De acordo com a consultoria, o clima tem beneficiado o desenvolvimento da safra de milho de inverno 2011/12, proporcionando excelente condição na evolução das lavouras, ao longo das regiões produtoras. A área estimada de plantio da safra de inverno é de 6,599 milhões de hectares, com crescimento de 20,1% em comparação à da safra anterior. A produtividade média projetada para esta safra é de 4.394 kg/ha, alta de 16, 5% em relação à 2010/11.

A

Preços em queda. Os preços do milho no mercado doméstico, assinala a consultoria, passam por um período de quedas contínuas, em quase todas as regiões. As quedas são influenciadas pelo bom desenvolvimento da safra de inverno e pela falta de interesse por

IBGE RESPALDA A CÉLERES Da mesma forma que a Céleres, o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) também prevê que a produção de milho superará a de soja. Na quar ta avaliação da safra nacional de cereais, leguminosas e oleaginosas, divulgada na quinta-feira, 10, o instituto previu que a produção de milho na atual safra será de 67,256 milhões de toneladas, com alta de 19,5% sobre a safra anterior, e a de soja, de 66,4 milhões, com queda de 11,4% sobre a safra anterior. O IBGE prevê aumento de 0,4%, ou de 146.630 toneladas, na produção nacional de milho na safra de verão, que atingiria 34,314 milhões de toneladas, e de 49,0%, ou de 10,837 milhões de toneladas, na produção da safra de inverno, que deve chegar a 32,941 milhões de toneladas. De acordo com o IBGE, o expressivo aumento na produção da safra de inverno deve-se, entre outros fatores, ao bom preço do milho no mercado e à antecipação da colheita da soja, o que propiciou uma maior janela para o plantio do milho safrinha, notadamente no Mato Grosso. O Estado é o maior produtor deste segundo período de plantio da cultura, com 11.679.033 toneladas em uma área a ser colhida de 2.613.660 hectares, com rendimento médio de 4.468 kg/ha, o que corresponde a aumentos de 57,3%, 41,4% e 11,3% respectivamente, quando comparados com o ano anterior. O Estado do Paraná, segundo produtor

nacional, aumentou a produção em 57,5%, a área a ser colhida em 21,3% e o rendimento em 29,9%. O IBGE destacou também os estados de Mato Grosso do Sul e Goiás, que irão produzir 34,5% e 26,6% a mais que na safra 2011.

parte da ponta compradora , que está relativamente abastecida, à espera de preços mais baixos, por um possível excesso de oferta, caso a safra de inverno fique dentro das expectativas do mercado. - O excesso de oferta e a relativa estabilidade na demanda colocam os preços do milho em uma zona de alerta. Caberá às exportações tentar reduzir o excesso de oferta. Mas, o desempenho desta, até então, não está sendo muito satisfatório, pois até o momento o país exportou a metade do que foi exportado no mesmo período do ano passado e apresenta o pior resultado trimestral desde 2009 – diz a consultoria.

três anos, com 64,954 milhões de toneladas, queda de 13,2% em relação à safra anterior. O impacto da queda, segundo a consultoria, torna-se ainda maior quando se considera que a área plantada deve ter atingido a marca recorde de 25,062 milhões de hectares, aumento de 3,8% em relação à safra anterior. Os prejuízos para os produtores só não foram maiores porque os preços pagos pela oleaginosa nas principais praças tiveram alta de 25% em um ano. A produtividade sofreu novas baixas na previsão, principalmente no Rio Grande do Sul. A estimativa é de que tenha ficado em 2.592 quilos por hectare, queda de 16,4% em relação à safra 2010/11 e a menor das últimas cinco safras, acima apenas da registrada em 2005/2006, de 2.464 quilos por hectare. Na comparação entre o 10º e o 9º acompanhamentos, os principais ajustes nas produtividades esperadas para a safra atual se deram no Rio Grande do Sul (-399 kg/ha), Bahia (-302 kg/ha), Piauí (-280 kg/ha), Santa Catarina ( -200 kg/ha ), Maranhão (-150 kg/ha), Paraná (-110 kg/ ha); Rondônia (-100 kg/ha); São Paulo (-70 kg/ha) ; Mato Grosso (-40 kg/ha) e Tocantins (-7 kg/ha). Para a pro-

A menor safra de soja em 3 anos Com a escassez de chuvas na região Sul do País, que derrubou as projeções iniciais para a safra autal, a Céleres prevê agora que a safra de soja 2011/12, já em final de colheita (98% do total), registre a menor produção dos últimos

Soja. Em relação à soja, o IBGE prevê que embora a área a ser colhida (24.803.079 ha) aponte um aumento de 3,1%, o rendimento médio esperado (2.677 kg/ha) registra queda de 14,1%. De acordo com o instituto, a diminuição na produção é decorrente das condições climáticas desfavoráveis ocorridas principalmente na Região Sul. O Rio Grande do Sul foi o estado que mais sofreu com a estiagem, acusando uma diminuição no rendimento médio de 44,8% e consequente queda de 43,8% na produção (6.526.600 t) frente à 2011. Esta redução, acrescenta o IBGE, pode ser ilustrada pela par ticipação do Estado na produção nacional, que de 15,5% em 2011 passou para 9,8%. No Paraná o efeito da seca resultou em queda da par ticipação na produção nacional de soja de 20,6% para 16,4%, ficando em 10.884.752 toneladas. A Região Centro-Oeste é responsável por 52,5% da produção do grão neste ano. Esta região teve um aumento de 6,0% na área plantada e de 3,3% na produção (34.868.969 t), apesar da queda de 2,8% no rendimento médio. Esta redução foi influenciada, principalmente, pelo

resultado do Mato Grosso do Sul, estado que foi mais afetado pela seca, que teve o rendimento médio reduzido em 12,8%. (J.P.) Para a safra nacional como um todo, o IBGE prevê que o Brasil deve produzir este ano 159,3 milhões de toneladas, queda de 0,5% em relação ao mesmo período do ano passado (160,1 milhões de toneladas). Conab. Também na quinta-feira, 10, foram divulgadas as novas projeções da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), que manteve a soja na liderança da produção nacional de grãos, com 66,682 milhões de toneladas na atual safra, ante 65,903 milhões de toneladas de milho – uma diferença de apenas 779 mil toneladas. A estimativa do oitavo levantamento da Conab é de que a área plantada com grãos no país na safra 2011/2012 seja de 51,68 milhões de hectares, 3,6%, ou 1,81 milhão de hectares, maior do que a plantada na safra anterior, de 49,87 milhões de hectares. Apesar desse aumento, o volume colhido, de acordo com a Conab, deve ser de 160,06 milhões de toneladas, queda de 1,7% em relação ao ciclo 2010/2011, que atingiu o recorde de 162,8 milhões de toneladas. Esse resultado representa uma redução de 2,74 milhões de t. A maior redução é obser vada na soja (- 8,64 milhões de t) e no arroz (- 1,81 milhão de t). (J.P.)

dutividade média nacional, a estimativa da Céleres é de redução de 125 kg/ha em relação ao acompanhamento anterior, resultando em um novo patamar médio de 2.592 kg/ha. Como resultado das alterações nas estimativas de produtividade, os principais ajustes nas estimativas de produção foram relativas ao Rio Grande do Sul (- 1.657 mil t), Paraná (- 482 mil), Bahia (- 341 mil), Mato Grosso (- 281 mil), Piauí (- 115 mil), Santa Catarina (- 94 mil), São Paulo (- 44 mil), Pará (- 7 mil), Rondônia (- 14 mil), Tocantins (- 3 mil) e Maranhão (+ 33 mil). No total do Brasil, a variação entre o 10º e o 9º acompanhamentos foi de 3 milhões de toneladas a menos.

Estoques. Com a consolidação de quebras de safra no Brasil e na Argentina, a Céleres prevê que a demanda chinesa seja cada vez mais direcionada para os portos norte-americanos. Entre janeiro e março deste ano, a China importou aproximadamente 140% a mais de soja do que em igual período do ano passado. Os dois fatores devem fazer com que os estoques finais de soja no Brasil terminem a atual safra com queda de 84,1% em relação aos do final da safra anterior. ■

TRANSPORTES

Silobag Ipesa - Peças originais - Implementos agrícolas em geral 77 3628-4780 - 3628-9605 - 3639-0189 Rua Kiichiro Murata, Q. 28 - L. 04 e 21 Jardim Imperial - LEM - BA Email: campoestemb@uol.com.br

COMERCIALIZAÇÃO E TRANSPORTE DE GESSO AGRÍCOLA E CALCÁRIO. TRANSPORTE DE ALGODÃO E SOJA. (77) 3628-2317 transcerrado@uol.com.br

(77) 3628-0324 comercial@transcerrado.com.br


A G R O N E G Ó C I O 13

Oeste Semanal ❒ Luís Eduardo Magalhães, 12 a 18 de maio de 2012

Juros do BB e da CEF A taxa Selic baixou e isso ninguém mais discute. Mas, apesar de todo o oba-oba com a redução dos juros do Banco do Brasil e da Caixa Econômica Federal, a verdade é que os fatos estão aquém da versão. E mais: o custo dos empréstimos do BB e da CEF estão levando as autoridades do Ministério da Fazenda, Banco Central e os próprios diretores das duas instituições a se alfinetarem nos bastidores do governo. O projeto vendido por Guido Mantega à presidente Dilma Rousseff foi trazer a taxa dos empréstimos dos dois bancos federais ao emblemático piso do mercado. Ou seja, no melhor estilo Lula, Dilma poderia dizer, com base nos juros do BB e da CEF, que nunca antes na história deste país os financiamentos foram tão baratos. O marketing vinha funcionando muito bem e colocou sob pressão da opinião pública a banca privada, que ficou com a pecha de vilã da história. Mas os dias que antecederam a divulgação pelo Banco Central do tradicional ranking com as taxas médias praticadas no mercado viraram de pontacabeça o clima de euforia até então predominante no governo. O BC sofreu calafrios para colocar os números na vitrine. Telefonemas teriam cruzado inúmeras vezes as linhas da Fazenda e da autoridade monetária, sem uma solução para atenuar os dados do ranking. O Banco do Brasil apresentou a trigésima melhor taxa entre 38 instituições. A CEF, por sua vez, ficou na vigésima-terceira posição. São dois orgulhos da nação, para os quais estava prevista a missão de ostentar os juros mais baixos do país. A celeuma dos juros, entretanto, não fica por aí. Apesar dos discursos empolgados de que juro baixo traz mais clientes e, portanto, mais lucro para os bancos, nas entranhas do sistema a engrenagem não funciona exatamente desta maneira. Os juros não caíram tanto assim, mas o suficiente para transtornar o ambiente. As direções do BB e da CEF já começaram a abrir suas trincheiras em volta do Ministério da Fazenda. O presidente da Caixa, Jorge Hereda, tem cumprido uma função de retaguarda, até porque vocaliza uma corporação bem mais acostumada a registrar prejuízos bancários. Já o presidente do BB, Aldemir Bendine, apesar de estar na linha de fogo do Planalto, vem partindo para a ofensiva com a desenvoltura de quem tem o cargo garantido. O discurso de Bendine está numericamente embasado. Só nos últimos 30 dias, seis mil operações de empréstimos no valor aproximado de R$ 400 milhões foram feitas por pequenas empresas junto ao BB. Parece bom, mas não é. São aqueles tomadores de crédito dos bancos privados com maior risco de inadimplência que estão pegando financiamentos novos do BB para amortizar os débitos anteriores. Se isso aumenta exponencialmente, o Banco do Brasil carrega uma bomba-relógio no ventre.

Upgrade da CEF Historicamente focada na população de mais baixa renda, a Caixa Econômica Federal vai reforçar suas linhas de crédito habitacional direcionadas à classe média. A CEF vem perdendo participação neste segmento para bancos privados.

www.relatorioreservado.com.br

Projeto já muda Código Florestal Ivan Richard Da Agência Brasil eputados ligados ao agronegócio, com o apoio de oito líderes partidários, protocolaram na quinta-feira, 10, na Câmara dos Deputados, projeto de lei para modificar partes do novo Código Florestal Brasileiro, aprovado na Casa há pouco mais de duas semanas e que ainda aguarda decisão da presidenta Dilma Rousseff sobre sanção ou veto. A proposta visa a redefinir o tamanho das áreas de preservação permanente (APP) às margens dos rios a serem recuperadas e está sendo apresentada agora, segundo os autores, por não terem conseguido fazer as modificações que queriam durante a tramitação do novo código. Pelo projeto, os proprietários de imóveis rurais que tenham áreas consolidadas em

D

APP ao longo de cursos d’água naturais e permanentes deverão promover a recuperação, seguindo o que determina o Programa de Regularização Ambiental de cada estado e de acordo com o tamanho dos rios. O projeto aprovado pelo Congresso Nacional, que está sob análise da presidenta Dilma Rousseff para sanção ou veto, estabeleceu uma faixa de 15 metros de recomposição da vegetação desmatada às margens de rios de até 10 metros de largura. Pela proposta apresentada quinta-feira pelos ruralistas, a área de recuperação obrigatória será de 5 metros nas margens dos rios com 5 metros de largura. Já para os cursos d’água entre 5 e 10 metros, a faixa a ser recomposta será de, no máximo, 7,5 metros. Nos rios com largura entre 10 e 30 metros, o proprietário será obrigado a recompor a APP em, no máximo, 10 metros. Já para os rios maiores, com largura acima de 30 metros, a faixa de

Ministério Público Federal quer cancelar registro de fungicidas Daniel Mello Da Agência Brasil O Ministério Público Federal (MPF) em São Paulo entrou com uma ação civil pública pedindo o cancelamento do registro de todos os fungicidas que utilizam o princípio ativo prochloraz. Uma perícia realizada por especialistas do órgão indicou que a substância propicia o aparecimento de câncer de mama, de testículo e de próstata.

O MPF pediu ainda informações sobre os efeitos do prochloraz à saúde e ao meio ambiente ao Instituto Nacional do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) e a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). Os dois órgãos são responsáveis por avaliar a segurança dos produtos destinados ao controle de pragas agrícolas antes da concessão do registro pelo Ministério da Agricultura. Segundo o MPF, o Ibama classificou o

recomposição deverá ser de, no mínimo, 15 metros, não podendo superar 100 metros. “Por questões regimentais, não pudemos fazer modificações no código, aqui na Casa. Agora, estamos fazendo essas alterações que queríamos ter feito para corrigir o Artigo 62, que havia ficado meio capenga”, explicou o deputado Moreira Mendes (PSD-RO), presidente da Frente Parlamenta da Agropecuária. “Essa proposta vem corrigir algumas imperfeições que ficaram no código”, acrescentou o líder do PMDB na Câmara, deputado Henrique Eduardo Alves (RN). Segundo Alves, a proposta já conta com o apoio de 306 deputados. Ao mesmo tempo em que apresentaram o projeto de lei, os deputados ruralistas protocolaram requerimento de urgência para a matéria. Com isso, Moreira Mendes acredita que a proposta será levada ao plenário já na semana que vem. O projeto prevê ainda que só poderá ser exigida a recuperação de nascentes nas APPs depois de avaliação do órgão ambiental local. A proposta também regulamenta a atividade de irrigação que, segundo Moreira Mendes, não havia sido abordada no código. Outra novidade é a possibilidade de o governo federal ter que indenizar o proprietário de imóveis rurais de até quatro módulos fiscais quando houver necessidade de recuperar áreas de preservação, de APPs.

princípio ativo como “altamente persistente no meio ambiente” e “altamente tóxico para os organismos aquáticos”, enquanto a Anvisa informou que o prochloraz é um “possível carcinógeno”, que não é utilizado nos Estados Unidos desde 1989. O Ministério da Agricultura, no entanto, negou à Agência Brasil que os órgãos competentes indicaram produtos a base de prochloraz como potencialmente nocivos à saúde ou ao meio ambiente. “Portanto, foram considerados seguros para uso no controle de pragas e não foram considerados carcinogênicos ou causadores de danos ao meio ambiente, pois caso tivessem sido caracterizados nestes critérios teriam a emissão de seu registro proibido”, disse o coordenador-geral de Agrotóxicos e Afins, Luís Eduardo Pacifici Rangel. ■


14

VARIEDADES

Oeste Semanal ❒ Luís Eduardo Magalhães, 12 a 18 de maio de 2012

VE¸CULOS

FORD RANGER TERÁ PREÇOS A PARTIR DE R$ 78 MIL DIVULGAÇÃO/FORD

TIAO OLIVEIRA/AE

A

nova geração da Ford Ranger terá preços a partir de R$ 78 mil, no caso da versão de entrada, com o inédito motor 2.5 bicombustível de até 173 cv. A configuração com propulsor 3.2 turbodiesel de 200 cv e câmbio automático de seis velocidades partirá de R$ 124 mil. As informações foram divulgadas durante a Agrishow, feira do setor agrícola que ocorreu na semana passada em Ribeirão Preto, no interior do Estado. A picape será apresentada à imprensa brasileira no fim deste mês, mas só deve estar disponível nas lojas do País entre o fim de junho e o início de julho. A estreia do motor flexível deverá dar fôlego à Ranger. Até então a Chevrolet S10 reinava praticamente sozinha no segmento de picapes médias bicombustíveis. Tinha a companhia da Mitsubishi L200 Triton - com propulsor V6, mas o modelo goiano é muito caro. Há pouco mais de dois meses foi a vez de a Toyota Hilux entrar no time.

Força. Com o novo motor turbodiesel a Ranger passa a ser a mais potente do segmento. Ainda não há detalhes sobre as novidades, mas o propulsor gera 48 mkgf. Em potência, a Nissan Frontier é a que mais se aproxima do modelo da Ford: seu 2.5 produz 190 cv. O 3.0 da linha Hilux, que acaba de receber atualizações, ficou 8 cv mais potente que o "antigo" e gera 171 cv. O 2.8 da Chevrolet S10, que foi completamente renovada, tem 180 cv, mesma potência do 2.0 biturbo da VW Amarok.

FORD RANGER: concorrente da S10, da L200 e da Hilux vem agora com inédito motor 2.5 bicombustível de até 173 cv. NAIAS.MEDIAROOM.COM

AUDI A4 2013 SAI EM JULHO DIVULGAÇÃO/AE

O PACEMAN, da Mini, será apresentado no Brasil em outubro.

PACEMAN SERÁ APRESENTADO AOS BRASILEIROS EM OUTUBRO A versão de produção do Mini Paceman caiu nas garras da agência Carparazzi. O modelo, mostrado como conceito no Salão de Detroit de 2011, será lançado no Salão de Paris, a partir de 27 de setembro. Em seguida, no dia 24 de outubro, o carro será apresentado aos brasileiros na mostra de São Paulo. Tratado pela Mini como um novo carro, o Paceman é, na verdade, a versão cupê do Countryman, que por sua vez é uma variante crossover do Cooper. O carro foi visto com pouco disfarce e quase nada mudou em relação ao modelo conceitual revelado nos EUA. O teto baixo dá charme ao Paceman, que tem traseira com desenho igualmente inte-

ressante. Por dentro, o conjunto será praticamente idêntico ao do Countryman, mas na novidade haverá detalhes que denotam mais esportividade, como o grafismo e acabamento do painel. Haverá espaço para quatro pessoas, mas o porta-malas não será grande. O bagageiro terá cerca de 300 litros de capacidade. Sob o capô, o Paceman traz o conhecido motor 1.6 turbo, a gasolina, que gera 184 cv de potência e 24,3 mkgf de torque. Com esse quatro-cilindros o modelo inglês tem tudo para ser um foguetinho, assim como a versão S do Cooper Coupé, e ficar bem divertido de guiar na cidade. (AE)

As versões de topo do A4, que fazem parte da linha 2013 da Audi, chegarão às lojas do País em julho. A Ambition virá com motor 2.0 turbo a gasolina de 211 cv e câmbio automatizado de sete velocidades por R$ 183.500. Entre os destaques está o sistema de tração 4x4. No caso da opção esportiva S4, com propulsor 3.0, o preço será de R$ 345 mil. A perua Avant terá tabela a partir de R$ 154.700, na versão Ambiente, R$ 188.500 para a Ambition e R$ 350 mil para a S4.

Por ora, só está disponível a configuração mais simples do sedã alemão, Ambiente, cuja tabela parte de R$ 149.700. (AE)

VELHOS, MAS EQUIPADOS A Volkswagen reposicionou os preços de três modelos veteranos: Polo, Golf e Saveiro. Algumas versões estão mais caras e outras mais baratas. Houve ainda alterações nas listas de equipamentos. No Polo, a versão Sportline 2.0 está mais barata. A tabela baixou de R$ 55.340 para R$ 54.080. O preço do sedã Comfortline 1.6 IMotion passou de R$ 57.220 para R$ 55.270. A opção de entrada, 1.6, por outro lado, está mais cara e agora parte de R$ 47.510 -

antes eram R$ 44.840. O item de série mais relevante adicionado a essa versão são os vidros elétricos. A tabela do Golf teve redução desde a versão de entrada, que foi de R$ 54.865 a R$ 52.900. No caso da Saveiro, a configuração de cabine simples com motor 1 6, a mais em conta da linha, teve o preço sugerido reduzido em pouco mais de R$ 300. A picape baixou de R$ 33.665, na linha 2012 para R$ 33.340. Esse valor é para o ano modelo 2012/2013. (AE)


15

Oeste Semanal ❒ Luís Eduardo Magalhães, 12 a 18 de maio de 2012

MÐSICA DIVULGAÇÃO

FESTIVAL SÓNAR EM SP PROMETE REVOLUCIONAR O FIM DE SEMANA ALEXANDRE MATIAS/AE

C

riado há 18 anos na Espanha, o festival Sónar chega pela segunda vez ao Brasil no próximo fim de semana (a primeira edição foi em 2004), quando reúne, na sexta e no sábado, alguns dos principais expoentes da música pop contemporânea no Anhembi. Diferente da maioria dos festivais, que chamam artistas de apelo popular para atrair um grande público, o Sónar sempre optou por atrações pouco conhecidas ou que estejam em ascensão, se firmando, em quase duas décadas de atuação, como farol para as novas tendências do mercado da música. Mas como a música vem passando por uma transformação brutal, que envolve desde os processos de criação e distribuição, até a forma como a música é consumida e curtida, qual é o papel de um festival que sempre levantou a bandeira das novas tecnologias? Quem responde é um dos criadores do festival, o espanhol Ricard Robles, que esteve no País há poucas semanas, para acompanhar os preparativos do evento de música. "Você tem razão quando diz que um evento que se ampara em apresentações ao vivo sofre pouco impacto frente às mudanças que estamos vendo - afinal, a natureza deste tipo de evento é anterior mesmo à era da música gravada", explica. "Mas as transformações recentes mostram que há uma mudança crucial na forma como as pessoas consomem música. Hoje, graças à onipresença da inter-

net, de computadores e de celulares, ouvir música está se tornando uma atividade cada vez mais solitária, individual. A importância do Sónar reside em proporcionar um momento de comunhão palpável para uma geração que não tem nem mesmo alguma referência física no que diz respeito à música. Não há mais CD, nem capas de discos. A música tornou-se uma experiência", conclui. Ele ressalta a importância do painel Sónar Pro, dedicado a palestras e discussões sobre o mercado da música, que sempre existiu no festival, mas que ganhou relevância nos últimos anos. "Começou como uma vitrine, mas hoje se tornou uma parte importante do festival para discutirmos o futuro deste mercado", comenta. Mas, com todas as mudanças, o formato palco-público ainda obedece à antiga fórmula, separando o artista da audiência, uma tendência que tem sido demolida na medida em que os meios digitais se popularizam. Será que é possível pensar em um festival que contemple a participação do público? "Acredito que sim, e isto já vem acontecendo, mas acho que é uma dúvida que vai ser solucionada pelos artistas", conta, citando o produtor Richie Hawtin como um exemplo prático. "Ele colocou uma pessoa para twittar em seu perfil quais músicas que estava discotecando. Ainda é um rascunho do que acho que vamos assistir no futuro, mas tais experimentações têm de partir dos autores, dos compositores", conclui o espanhol.

DECORAÇ‹O

VENTURA, EM MILÃO, NA SEMANA DO DESIGN Ao todo são pouco mais de cem expositores e cerca de 350 designers (oriundos sobretudo do norte da Europa), concentrados em uma área de exposição com pouco mais de 9 mil m2. Números que podem até parecer modestos. Mas capazes de atrair, apenas este ano, estimados 60 mil visitantes. Um público que coloca a região em condições de rivalizar com a já tradicional Zona Tortona milanesa. De fato, credenciais não faltam para a Ventura: área de exposições situada no bairro de Lambrate, a noroeste de Milão, que em apenas três anos se transformou em sensação entre os frequentadores mais descolados da Semana de Design. Leia-se profissionais, imprensa especializada e formadores de opinião. Seu nome deriva da mais importante via do bairro, a Ventura, que concentra as principais atrações do circuito. Afastado do centro - o que reforça o charme do local -, conta com poucos espaços de exibição, mas reúne um

elenco de peso, principalmente se considerados os jovens nomes da cena internacional. Apontado pela mídia como o novo endereço da vanguarda em Milão, já expoõem suas criações por lá o alemão Maarten Baas, o espanhol Jaime Hayon e o suíço radicado nos Estados Unidos Yves Behar. "Lambrate possui a energia da feira de Milão de anos atrás, com uma saudável mistura de exposições, showrooms e instituições de ensino. A atmosfera é quente e nervosa. Como antigamente", afirma Behar. Outro recém-chegado, o inglês Lee Broom, uma das sensações da temporada com seus móveis e luminárias que misturam desenho contemporâneo e atmosfera barroca, também não pretende sair de lá tão cedo. "Aqui me sinto em casa. Além de condições de expor bem meu trabalho, sei que estou falando com o público certo", diz ele, que levou para Lambrate "Public House", sua mais recente coleção, ambientada em um pub inglês.

Capa do CD

ÍCONES DA MPB PARA NINAR BEBÊS DA REDAÇÃO A Gravadora Performance Music resolveu homenagear os filhos da “geração coca-cola” que está prestes a completar 30 anos, junto com a história do Legião Urbana - e escolheu Renato Russo para ser o carro-chefe da coleção de 12 CDs intitulada MPBebê, que traz ícones da MPB com seus sucessos transformados em melodias de caixinha de música. O lançamento da coleção foi na Feira Bebê e Gestantes, realizada na semana passada em Vitoria/ES. O CD chegará as lojas no mês de junho (Americanas, Fenac e Saraiva). Mas quem desejar pode comprar através do e-mail vendas@performance.art.br, pelo preço de R$ 27.  A idéia de criar um projeto que transformasse os clássicos dos ícones da música popular brasileira em melodias que pudessem embalar o sono dos bebês, ajudando-os a se desenvolverem intelectualmente, foi do músico Gian Fabra e da gravadora.  O MPBebê Renato Russo é o primeiro CD

da coletânea inspirada nesses ícones, e traz uma releitura personalizada  dos seus maiores clássicos, num formato diferenciado no estilo caixinha de música com melodias como “Eduardo e Mônica” e “Que país é esse?”. As demais músicas são Índios, Vinte e nove, Tempo Perdido, Geração Coca-cola, Vamos fazer um fime, Eu sei, Monte Castelo e Por enquanto.  Segundo a gravadora, a Coleção MPBebê apresenta um repertório carinhosamente selecionado, com o intuito de pais e filhos desfrutarem juntos a experiência de ouvir e cantar grandes sucessos, não restringindo a diversão apenas às crianças.  - Os pais e mães que antes tinham que buscar uma discografia estrangeira como Beatles para bebês, Mozart, e até Sade Abu e Norah Jones, agora poderão reviver belos momentos junto com os pequeninos, já que as canções que compõem a série MPBebê, com certeza fizeram parte e marcaram a vida de todos eles – diz a Performance.

CLASSIFICADOS Agora em Luis Eduardo Magalhães, correspondente negocial da Caixa Econômica Federal. ● Consórcio ● Financiamentos ● Aporte Caixa ● Abertura de Conta ● Construcard ● Habitação ● Servidores Estaduais ● Servidores Municipais ● Aposentados e Pensionistas do INSS ● Servidores Federais Fone: (77) 3628 5220 Rua Clériston Andrade 1284, Qd. 27 Lote 15 - Centro Luís Eduardo Magalhães - BA

ALUGA-SE CASA ALUGA-SE casa no Jardim Paraíso – Rua Candido Portinari, n° 1691 - Contém 3 quartos, sendo uma suíte, banheiro social, sala, cozinha, garagem para 2 carros, 144m². Tratar 8802 3779 ou 8818 9773.


16

Oeste Semanal ❒ Luís Eduardo Magalhães, 12 a 18 de maio de 2012

DESTAQUES DA TV IVA OLIVEIRA/AE

TWITTER/SERGINHOGROISMAN

HTTP://GLOBALVOICESONLINE.ORG

SÁBADO, 12/05

TERÇA-FEIRA, 15/05

CLAUDIA LEITTE PARTICIPA DO "CALDEIRÃO DO HUCK"

CIBELLE MOSTRA CANÇÕES NO "SONORIDADE"

O

programa "Caldeirão do Huck" faz uma homenagem a todas as mães do País neste sábado. No palco da atração estará a cantora Claudia Leitte, que se apresenta com grupo Os Hawaianos. O clima de emoção toma conta quando a cantora, grávida de seis meses, é surpreendida pela mãe, Ilna Leitte, e o filho Davi, de três anos O "Caldeirão do Huck" vai ao ar a partir das 16h05.

MAMÃES ESCOLHEM OS NAMORADOS PARA AS FILHAS O "Melhor do Brasil", da Record, homenageia as mães neste sábado No quadro "Vai dar Namoro", são as mamães das meninas que vão escolher um candidato a namorado para as filhas. O programa também traz a estreia do quadro "Arruma Minha Esposa", onde os maridos vão ao palco pedir ajuda para transformar a esposa em uma gatona. A atração, comandada por Rodrigo Faro, vai ao ar às 17h30.

MIX TV ESTREIA PROGRAMA SOBRE PROFISSÕES A Mix TV estreia neste sábado uma série com 13 episódios que vão ajudar o público a desvendar os caminhos de uma carreira. "Simulado" vai mostrar entrevistas com especialistas de diversas áreas, estudantes e novas carreiras. No primeiro episódio, o telespectador irá conferir as carreiras de Educação Física e Design de Games. O programa, apresentado por Caco de Castro e Heide, vai ao ar às 22h.

ÁLVARO GARNERO COME GRILOS NO "50 POR 1" No programa "50 por 1" deste sábado, Álvaro Garnero visita Londres, cidade que sediará as Olimpíadas deste ano. Uma das paradas do apresentador foi no famoso Archipelago Restaurant, especializado no mix de alta gastronomia com comidas exóticas. Ele provou uma salada de grilos e crocodilo marinado e, como sobremesa, saboreou um caviar de percevejos. O programa vai ao ar à 0h30.

LUAN SANTANA ANIMA PLATEIA DO "ALTAS HORAS" Neste sábado, o cantor Luan Santana é um dos convidados do "Altas Horas", da Globo, e divulga canções do novo CD, "Quando Chega a Noite". Luan abre sua participação no programa com o sucesso "Você de Mim Não Sai", da trilha sonora da novela "Avenida Brasil". Além de cantar, Luan conversa com o público e conta quais são seus planos para o Dia das Mães. O programa vai ao ar na madrugada de sábado para domingo, à 1h15.

O programa "Sonoridade", do Canal Brasil, mostra a história da performática cantora Cibelle, que iniciou sua carreira apadrinhada pelo famoso produtor Suba. Com um notável trabalho no exterior, a artista divide o palco com a banda La Shark e os músicos Arto Lindsay e Wladimir Gasper. A atração é exibida às 10h00. SERGINHO GROISMAN

KEVIN MITNICK

DOMINGO, 13/05

DIA DAS MÃES EM "OS CARAS DE PAU"

"REPÓRTER RECORD" EXIBE RESGATE DE ANIMAIS

No episódio de "Os Caras de Pau", da Globo, deste domingo, Pedrão (Marcius Melhem) e Jorginho (Leandro Hassum) aceitam uma proposta inusitada no Dia das Mães. Enquanto reclamam da ausência materna, eles são surpreendidos por uma senhora milionária em um carro luxuoso que traz a solução para os seus problemas. A solitária mulher, dona Jupira (Josie Antello), pede que eles se passem por seus filhos durante um almoço especial pela data. A atração vai ao ar às 13h15.

Na noite deste domingo, às 23h15, o programa jornalístico "Repórter Record" leva ao ar histórias de bichos indefesos que sofrem nas mãos de homens que nem sempre estão preparados para oferecer cuidados. Ao longo de 45 dias, os repórteres da Record acompanharam o trabalho de uma ONG que investigava um proprietário de cavalos na Grande São Paulo.

WARNER CHANNEL OFERECE UM DOMINGO DE GALÃS No domingo dedicado às mamães, a Warner Channel preparou um presente para homenageá-las. Trata-se de uma maratona com os bonitões embrulhados para presente, para que as mães possam relaxar no sofá. No dia 13 de maio, a maratona de filmes vai das 15h30 às 2h30, reunindo homens como Matthew McConaughey, Hugh Grant, John Cusack, Timothy Olyphant e Dermot Mulroney. Os filmes que serão exibidos são: "Pegar e Largar", "A Feiticeira", "Procura-se Um Amor que Goste de Cachorros", "Um Amor de Tesouro" e "Amor À Segunda Vista".

"CAMINHOS" MOSTRA HISTÓRIA DE CRIANÇAS O episódio "Assim que Subir a Maré", da série "Caminhos", foi gravado no Amapá e mostra a história de crianças que passam a noite navegando entre uma ilha e outra no oceano Atlântico para chegarem à escola. Os caminhos, trajetórias e obstáculos em busca da transformação de suas vidas a partir da educação, apresentados por meio de personagens espalhados por todo o Brasil, é o tema da série produzida para a televisão que o SescTV exibe semanalmente todo domingo, às 19h.

ATRIZES DISCUTEM COMO EDUCAR OS FILHOS O "Fantástico" deste domingo, que vai ao ar às 20h45, comemora o Dia das Mães com um debate sobre a educação dos filhos. A apresentadora Renata Ceribelli se reúne com Júlia Lemmertz, Malu Mader e Maria Paula e, juntas, elas assistem a trechos do documentário da BBC sobre o polêmico livro "O Grito de Guerra da Mãe-Tigre", escrito por uma mãe radical que cria as duas filhas à moda chinesa. As atrizes discutem as regras exageradas impostas pela autora e dão suas opiniões.

ALEX ATALA FICA "DE FRENTE COM GABI" Marília Gabriela recebe o chef de cozinha Alex Atala. O mais premiado cozinheiro do Brasil vai ao programa "De Frente com Gabi" contar suas experiências e sobre a confusão na Virada Cultural deste ano. Alex Atala ficou em quarto lugar na lista dos 50 melhores chefs do mundo e é apaixonado pela gastronomia brasileira. "A minha ambição é levar este ingrediente caseiro para o mundo", revela o chef. O programa vai ao ar à 0h. SEGUNDA-FEIRA, 14/05

"HOMENS POSSÍVEIS" ENTREVISTA GROISMAN Esta semana, a apresentadora Ingrid Guimarães conversa com duas pessoas que fazem a diferença por meio da arte e da cultura. No "Homens Possíveis", do GNT, Serginho Groisman fala sobre os tempos de agitador cultural e Ingrid encontra também o grafiteiro Mundano. O programa vai ao ar às 14h30.

DETONATOR RECEBE PATRÍCIA MARX Bruno Sutter, do eterno Hermes & Renato, é Detonator, o vocalista da lendária banda de heavy metal Massacration, que agora está em carreira-solo e tem a missão de resgatar o Rock na MTV no comando do novo programa "Rocka Rolla". Nesta terça-feira, às 22h45, o programa recebe Patricia Marx, do Trem da Alegria, que fará uma versão rock de "Uni Duni Tê." QUARTA-FEIRA, 16/05

NOVO EPISÓDIO DE "MEGACONSTRUÇÕES" Inspirado nas Olimpíadas de 2012, o "MegaConstruções", exibido pelo Discovery Channel, mostra o Estádio Aquático de Londres. O local abrigará 44 eventos de natação e mergulho durante as Olimpíadas e passará a integrar a paisagem da cidade. A apresentadora Danny Foster acompanha as equipes na construção de uma das mais avançadas instalações do gênero no mundo. O programa é exibido às 8h. QUINTA-FEIRA, 17/05

HACKERS SÃO TEMA NO DISCOVERY SCIENCE O programa "Hackers: Criminosos ou Heróis?", desta quinta-feira, conta a história de John Draper, um dos pioneiros do hacking; Steve Wozniak, um dos fundadores da Apple Computers e Kevin Midtick, o criminoso virtual mais conhecido dos EUA. A atração, exibida no Discovery Science, às 23h24, mostra como os hackers converteram-se em heróis e vilões da era cibernética. SEXTA-FEIRA, 18/05

"MTV SEM VERGONHA" RECEBE RITA CADILLAC

GNT EXIBE NOVO EPISÓDIO DE "MINHA CASA VERDE"

Titi e Didi, apresentadores do talk-show apimentado da MTV, o "MTV Sem Vergonha", recebem Rita Cadillac, às 22h30. A dançarina irá responder quem já "pegou" no meio artístico, além de muitas perguntas indiscretas. Rita também faz uma performance especial no pódio de Madoninha.

A série, exibida pelo GNT às 8h15, apresenta as casas e prédios "verdes" da França e dos Estados Unidos que são exemplo de habitações modernas, construídas com consciência ecológica. As obras priorizam uma arquitetura autossustentável. O programa também dá dicas e informações sobre energias sustentáveis.


Oeste Semanal ❒ Luís Eduardo Magalhães, 12 a 18 de maio de 2012

TV NOTAS "MÁSCARAS" PERDE DE NOVO PARA RATINHO WIKIPEDIA.ORG

Uma das principais apostas da Record, "Máscaras" virou dor de cabeça na emissora. Na última segundafeira, a novela das 22h perdeu a viceliderança para o "Programa do Ratinho" pela sexta vez desde a estreia, em 10 de abril. Ao final da atração do RATINHO SBT, a trama empatou com o "CQC" (Band), mas voltou ao terceiro lugar com média de 6 pontos no Ibope.

MILHEM NO SAMBA Milhem Cortaz, estrela de "Fora de Controle", nova série policial da Record que estreou terça à noite, está no elenco do filme "Trinta", sobre a vida de Joãosinho Trinta, morto em dezembro do ano passado. Ele encarna Tião, chefe do barracão do Salgueiro, escola de samba em que o carnavalesco foi campeão pela primeira vez em 1973. O longa será protagonizado por Matheus Nachtergaele.

"CARROSSEL" TEM BABÁS As 17 crianças do elenco de "Carrossel", que estreia no SBT no dia 21, têm uma equipe com pedagoga, psicóloga e pediatra que os acompanha para evitar problemas nas gravações. Na apresentação da novela, na segunda-feira, o diretor Reinaldo Boury disse ter pedido ajuda e que os atores mirins "estão sempre aprontando alguma".

MAÍSA SOLTERÍSSIMA Em "Carrossel", Valéria, a personagem de Maísa Silva, de 9 anos, tem um namorado. A atriz disse que não haverá cenas de beijo. Questionada por jornalistas se tinha um amor, Maisinha entrou na brincadeira. "Estou solteira e sou BV (boca virgem)", disse.

SEM CRIATIVIDADE Danilo Gentili, que costuma se apresentar vestindo sempre a mesma camiseta básica, contou à coluna que tem apenas camisetas pretas e brancas em seu armário. "Tenho preguiça de ficar tentando combinar. Mas as brancas eu só uso em casa mesmo", revelou.

VARIEDADES

17

ALEXANDER SHALAMOV - WWW.PHOTAKI.COM

EM QUEDA LIVRE Roberto Justus está tomando coragem para saltar de paraquedas nesta semana. O apresentador gravará as imagens para exibir em seu programa na Record. A atração, com previsão de ir ao ar na segunda-feira, terá como tema os esportes radicais.

SOLTINHO NA PISTA Danilo Gentili esteve terça-feira no programa "Muito+" (Band) e contou a Adriane Galisteu que não quer saber de compromisso. "Demorei muito para aparecer na televisão. Quero aproveitar e comer todo mundo", brincou. O humorista, porém, não pretende passar a vida solteiro. "Algum dia, eu vou ser um cara sério, me casar e ser pai", disse o apresentador do "Agora É Tarde".

ALGO DEU ERRADO Sônia Abrão, que participa nesta quarta-feira do programa "De Frente com Gabi" (SBT), disse na entrevista que estranhou ao se ver no espelho ao participar do quadro Transformação, do "TV Fama" (RedeTV!). Nele, Sônia se caracterizou como a personagem Miranda, do filme "O Diabo Veste Prada". "Eu acho que fiquei mais parecida com o Clodovil do que com a Meryl Streep."

CAUÃ ATAREFADO Vencedor do troféu de melhor ator no 8º Prêmio Fiesp/Sesi do Cinema Paulista pela atuação no filme "Estamos Juntos", Cauã Reymond não pôde ir à cerimônia, na noite da última quarta-feira, mas mandou um vídeo de agradecimento. O galã está tão ocupado com as gravações da novela das 9 "Avenida Brasil" (Globo) que fez as imagens dentro do ônibus que serve de camarim em cenas rodadas na rua.

SALVE, PAGODINHO Devoto do santo guerreiro, Zeca Pagodinho esteve no workshop da novela "Salve, Jorge", que atores como Rodrigo Lombardi estão fazendo esta semana. Apesar da presença do cantor, as cervejas no cenário eram apenas decoração.

"TCHÊ TCHERERÊ TCHÊ" De passagem pela Colômbia para divulgar o filme "Battleship - Batalha dos Mares", o ator Taylor Kitsch dançou até o chão em uma festa ao som de "tchê tchererê", da música "Balada", do sertanejo Gusttavo Lima.

DISFARÇADA A atriz Bárbara Paz se disfarçou para uma reportagem sobre anonimato na "Trip" deste mês. "Ficar superpopular levou minha carreira a derrapar", disse. (AE)

Mães de todas as raças e de todos os credos, a Natureza lhes diz obrigado. H O M E N A G E M D E O E S T E S E M A N A L A T O D A S A S M Ã E S , N E S T E 1 3 D E M A I O.


18

Oeste Semanal ❒ Luís Eduardo Magalhães, 12 a 18 de maio de 2012

Oeste Semanal também pode ser visualizado no site DiariodoOeste.com.br


VARIEDADES

Oeste Semanal ❒ Luís Eduardo Magalhães, 12 a 18 de maio de 2012

19

TECNOLOGIA

BRASIL É O 2º PAÍS COM MAIOR QUANTIDADE DE USUÁRIOS DO FACEBOOK AGÊNCIA ESTADO

A

invasão brasileira já ocorria desde o ano passado e ela está provada nos números. O Brasil já é o segundo país com maior quantidade de usuários do Facebook, atrás apenas dos Estados Unidos. Atualmente 43,6 milhões de brasileiros são usuários ativos mensais na rede social. A quantidade corresponde a pouco mais de 23% do total de habitantes do País, segundo o cálculo da empresa de análise Social Bakers. Os Estados Unidos, berço do Facebook criado por Mark Zuckerberg em 2004 -, têm mais de 157 milhões de usuários (ou pouco mais de 50% da sua população). Os números foram apresentados na semana passada em um comunicado parabenizando o

Brasil. "Nos últimos meses, nossa atenção tem se focado no Brasil, que é um país muito interessante de se acompanhar", diz o texto. Brasil e Índia disputavam a segunda posição em número de usuários. A Índia tem hoje 45,7 milhões de pessoas com perfis no Facebook (3,9% da população), mas a tendência é que o Brasil se consolide na segunda posição. Nos últimos três meses houve um aumento de 22% no número de brasileiros na rede social - enquanto, entre os indianos, o crescimento foi de apenas 5%. Se a tendência permanecer, é uma questão de tempo para o Brasil dominar ainda mais a rede social. Nos EUA, o Facebook está quase estagnado houve um aumento de menos de 1% no número de usuários.

BLACKBERRY 10 SERÁ MECANISMO PARA COMPUTADORES MÓVEIS, APOSTA RIM CARLA PERALVA*/AE Thorsten Heins, CEO da Research in Motion (RIM) falou repetidas vezes sobre foco durante a BlackBerry World, convenção para desenvolvedores da RIM, em sua 11ª edição, que ocorreu em Orlando semana passada. Heins falou sobre o esforço que colocará no BlackBerry 10 - novo sistema operacional ao redor do qual girou todo o evento.

A aposta é que o BlackBerrry 10 (BB10) seja um "mecanismo para computadores móveis" que mira em todo o universo da mobilidade e da internet das coisas. São três novas funcionalidades no BB10: teclado tátil inteligente que entende o idioma do usuário e sugere palavras, aplicativos que funcionam simultaneamente e, por último, uma câmera que guarda as imagens captadas pouco antes de a foto ser tirada. Mas em um aspecto o CEO assume a dupli-

cidade. A empresa diz que colocará toda a energia para levar o BB10 à liderança no mercado corporativo - onde a RIM tem público fiel -, mas "continua comprometida" com consumidores finais. "Não vamos ser apenas mais um player. Quero voltar a ser líder", afirmou. Peter Gould, diretor da RIM no Brasil, diz que o crescimento dos smartphones no País ocorre porque as pessoas estão passando de um "feature phone" para um smartphone. E, para isso, haverá modelos básicos ainda movidos a BlackBerry 7 (o atual sistema operacional). Mas, então, o foco, no Brasil, são os smartphones com BB7 ou os novos aparelhos? "São todos. Estamos focando em todos", diz. *A repórter viajou a convite da Research in Motion.

EVENTOS DO MUNDO DA INFORMÁTICA NOVO IPAD NO BRASIL - 11 de maio - O iPad chega no Brasil pela Tim. Como destaque, sua tela poderosa de alta definição. O preço não foi informado;

dados pessoais dos usuários através de redes Wi-Fi não encriptadas. Eram coletados dados como e-mail, mensagens de texto, senhas e histórico da web. O FCC não considerou a coleta crime, mas aplicou multa de US$ 25 mil.

CURSOS ONLINE GRATUITOS A Universidade Harvard e o Massachusetts Institute of Technology (MIT), firmaram uma parceria para oferecer cursos online gratuitos das duas universidades. O projeto, chamado edX, segue o recém criado MITx. O primeiro curso, sobre circuitos e eletrônica, começou em março. As universidades oferecem certificação para os alunos.

NÚMEROS

VIRADA DIGITAL - 11 a 13 de maio Paraty (RJ) recebe um fórum que discute ideias inovadoras para as cidades. TV digital e hackerspace estão entre os temas;

● 267% foi o quanto cresceu a participação da Samsung nas vendas de celular. A fabricante pulou de 4º para o 1º lugar, assumindo quase 30%;

HACKATON - 11 de maio - Na madrugada do dia 11 começa a maratona hacker promovida pela Câmara de SP. Objetivo é criar apps e serviços úteis ao público. Inscrições até amanhã, 10;

● 1,8Mbps - é a velocidade média da internet no Brasil. O dado é de estudo de empresa de cloud computing que concluiu que a velocidade no mundo caiu em média 14%, inclusive em países ricos;

GOOGLE COLETAVA DADOS VIA WI-FI

● 50 milhões - é a quantidade de usuários que o aplicativo de fotos Instagram atingiu após ter sido comprado pelo Facebook. Em média, o serviço ganha 5 milhões de novos usuários por semana;

A Comissão de Comunicações dos EUA (FCC) concluiu a investigação: os carros do Google Street View de fato coletavam

INFORME PUBLICITÁRIO

FRUSTRAÇÕES: que significa frustração dentro do desenvolvimento da personalidade do ser humano. Podemos pensar que são positivos se forem adequadamente aplicadas. Na evolução do crescimento de uma criança ocorrem naturalmente os limites que vão ser interpretados como frustração. No desenvolvimento emocional tão impor tante a frustração como outros cuidados que os pais praticam com seus filhos. Mas ao mesmo tempo muito difícil para ser administrado como para ser vividos. Por natureza o ser humano vive a busca de prazer, e quer se afastar do que não lhe traz prazer, justamente porque o que não é prazeroso é ruim e da trabalho. E isso é com tudo que exige uma dose de sofrimento, tolerância e espera. Quando me refiro a dificuldade de aplicar limites, seja por qual ordem de relacionamento, pois limites implica em saber vivencia-los, como diz o ditado "só damos aquilo que temos" eu digo só aquele que já experimentou sabe da impor tância dos limite e poderá efetua-lo. Frustrações e limites estão muito próximos, não tem como falar de um sem mencionar o outro, e o sofrimento é inerente ao crescimento, relaciono muito ao crescer fisicamente que vem acompanhado de muitas dores, às vezes é necessário tomar algum analgésico para supor tar, vemos muito nas

O

queixas de crianças, principalmente nas dores "de pernas". E crescer psiquicamente não é diferente, e desenvolver certa tolerância para o desconfor to do sofrimento é a questão humana. Pois como mencionei no inicio nós buscamos o prazer, queremos viver somente o prazer este é o conflito que nos é colocamos perante a vida, buscar o prazer que é imediato versus desenvolver a "arte da espera" que não é visto como coisa agradável de pensar. Mas é assim que funciona, e todos sabem, mas na prática é bem diferente. Queremos que os nossos desejos sejam satisfeitos o mais breve possível e com menos transtornos também se possível, viram se POSSÏVEL, Por que na realidade não é assim que acontece. Para tudo temos um gral de tolerar as coisas, para alguns mais e para outros bem menos. A frustração entra neste viés onde, para estarmos adaptado a realidade que nos cerca, exige de nós a capacidade de postergar o prazer imediato para depois, serem vividos como real e não como mera descarga de tensão. E para isso depende especificamente de como foi estabelecido os nosso relacionamento com os nossos cuidadores (mãe, pai, professores, etc..), toda nossa vida psíquica tem sua base no vinculo emocional. Como é complexo viver, não nascemos com essa capacidade ela se desenvolve com os tipos de relacionamentos que foram vivenciados para

serem aprendidos. É nas experiências emocionais que tem esta característica de aprendizagem. A busca do ideal, que não existe, para podemos passar para nossos filhos, querendo que eles não sofram, encur tando caminho, evitando dores, perdas seja ela de qual tipo, não estaremos levando aos pequenos a desenvolver a capacidade da espera, que exige uma certa frustração, e para tudo, nada esta pronto, é necessário criar essa capacidade mesmo para supor tar esse momento de crescimento. O pensamento, mecanismo desenvolvido pela espécie humana, para lidar com a frustração, faz parte do aprendizado da criança,quando aprende que a mãe que ela ama também frustra, frustra quando não satisfaz imediatamente, seus desejos, e pela própria realidade não tem como atender todas as vontades do bebe, mas é a mãe que proporciona cuidados através dos limites, limites esses que levam ao favorecimento do desenvolvimento do ego, a par tir desta rotina diária a criança apercebe que mesmo a mãe não atendendo seus desejos na hora é aquela que supor ta, contem sua angústia, ajudando a criança a adiar suas vontades, tudo dentro de um limite supor tável parra o bebe. Assim a mãe poderá amparar o bebe que chorar, sem entrar em pânico, contendo-o, favorecendo e ampliando suas conquistas dentro de uma realidade. Leva um tempo para a aprendizagem ser internalizada pela criança. Os limites praticados em excesso e exagerados, como muito castigo, punições severas e

constantes ameaças pelos que estão no lugar de cuidadores, poderão levar a criança a desenvolver frustrações negativas, como também pela escassez de limites, a mente não dando conta de aprender com as experiência, ela adoece promovendo o que chamamos estados esquiso-paranoides, ou seja a mente cinde para se proteger, mas não indo em busca de um crescimento saudável e sim patológico. Os limites são de suma impor tância para a o ser humano, é a base da estrutura afetiva dos relacionamentos, de estar conectado com a realidade externa é a que vai dar supor te as angústias, mas saber pratica-la é outro desafio, que não depende da boa vontade, mas sim de como foram apreendidas através das experiências com o outro.

Silvana Della Rosa Kuhnen, Psicóloga e Especialista em Clínica


20

Oeste Semanal ❒ Luís Eduardo Magalhães, 12 a 18 de maio de 2012

CINEMA

SACHA BARON COHEN É O ASTRO EM “O DITADOR” FERNANDA BRAMBILLA/AE

para Gisele Bündchen.

E

le já foi Borat, um repórter sem noção - Boa tarde, senhor líder supremo. Qual do Casaquistão, o austríaco fashionista sua mensagem para o mundo hoje? provocador Brüno, e agora responde, ou - Quero chamar a atenção para um grupo de melhor, dá ordens, como o General Aladeen. pessoas vítimas de uma tragédia humanitária Com uniforme militar, barba espessa e um mundial: os ditadores. Esses bravos líderes sotaque bem marcado com acento árabe, estão sendo dizimados, indiciados sem piedade Sacha Baron Cohen, o nome mais audacioso apenas por crimes financeiros, por oprimirem da comédia em Hollywood, armou um circo seu povo e talvez por um pouquinho de genocíem Nova York para promover seu novo filme, dio, mas nada demais. Nos últimos anos, dita“O Ditador”, sobre o líder supremo de um dores foram caindo um a um: Saddam (Hussein, país fictício chamado Wadiya. ex-ditador iraquiano), Kim Jong-il (ditador O ator britânico de 39 anos, famoso pelas áci- norte-coreano morto), Muammar Kaddafi (exdas críticas ao american way of life, agora abre ditador líbio morto), Oprah (Winfrey, apresenfogo contra as Nações Unidas, carrega na sátira tadora de TV americana que anunciou aposena regimes autoritários e tira sarro do medo do tadoria). Ahmadinejad (líder do Irã), coitado, terrorismo que paira na sociedade americana. nem conta, está num ostracismo comercial. “O Ditador”, que chega ao Brasil em julho, Ainda há, felizmente, alguns poucos apoiadores apresenta Aladeen, um governante que vê seu dos ditadores. Em nome do meu grande amigo domínio ameaçado pela temida democracia. (ditador da Síria, Bashar) Assad, quero publicaE como já lhe é de praxe, um mente agradecer às Nações ator de personagens tão incoUnidas pela grande inação no muns não poderia chamar a que diz respeito à Síria - mais “Vocês precisam mídia para uma simples coletide um ano se passou e nenhuvoltar à ditadura! va. Baron Cohen negou veema medida foi tomada pelo mentemente os pedidos de Conselho de Segurança. Vocês É muito melhor do entrevistas. Ofereceu em troca são incríveis. que essa um encontro com Aladeen, sua nova persona, e ele, sim, - Tivemos muitas perdas democracia que aceitou responder a algumas recentes de ditadores... vocês têm hoje”. perguntas. Com um contrato - Sim, tive um ano muito de três anos recém-assinado difícil, perdi muitos amigos. com a Paramount, que dá ao Kaddafi, Kim Jong-il e agora estúdio exclusividade nos próximos projetos de Chávez, que morreu no mês passado... ops. sua produtora For By Two, o ator está com tudo. Droga, apague isso dos registros. Chávez não Um pequeno palco ornado com tapetes, aparece em público há dois meses, mas tenho vasos, quadros do ditador posado foi montado certeza que deve ser coincidência, não é? para receber a figura ilustre em seu encontro com jornalistas, na terça-feira, 8, em Nova - O que o senhor diz aos que lhe chamam de York. Montado na caracterização, senhor abso- tirano? luto do seu espetáculo, Baron Cohen manteve a - Mando sinceros agradecimentos. E você, pose e, enquanto respondia a perguntas, sem- por acaso, não teria o endereço deles aí? Eu pre como Aladeen, tripudiou sobre os jornalis- gostaria do endereço desses críticos ou o trajetas. No arsenal de obscenidades e falas politica- to que eles fazem de casa ao trabalho. Quero mente incorretas, sobrou até para o Brasil - e mandar a cada um deles um presente. Um pre-

WIKIPEDIA

sente magnético, embaixo do carro de cada um. - O senhor deve ter inimigos. Como funciona sua segurança? - Tenho 25 guardas mulheres que me protegem 24 horas por dia, sete dias da semana, fortemente armadas. E virgens. Sei que são virgens porque as inspeciono pessoalmente todas as noites em meu quarto. - O senhor está sempre rodeado de mulheres e já se envolveu com muitas celebridades: Megan Fox, Halle Berry... Alguma resistiu ao senhor? - Elas tentam resistir, mas, sem o passaporte, fica mais difícil fugir. - Achei que o senhor ia dizer que mulheres não resistem a homens de uniforme... - Isso é verdade. Quando uma mulher vê um homem de uniforme, ela vê uma chance de ser libertada. - Aliás, Megan Fox está grávida. O senhor enviou parabéns a ela? - Sim, mandei. E gostaria de esclarecer os boatos de que eu seria o pai. Eu não sou. Se Megan estiver grávida de mim, Heidi Klum e Donald Trump também estão - ele faz qualquer coisa por dinheiro. - Tem amigos em Hollywood? - Uma pessoa com quem tenho muito em comum é Mel Gibson. Eu o nomeei especialista em relações públicas, mas admito que ele tem dito coisas bem estúpidas ultimamente - agora ele disse que trabalharia com judeus em seu próximo filme. Ele é o grande homenageado do Museu da Intolerância de Wadyia. - O senhor é fã de filmes? Gosta da indústria americana? - Adoro filmes americanos, principalmente os de fantasia, como “O Senhor dos Anéis” ou “A Lista de Schindler”. Mas sou um purista quando se trata de fazer filmes. Não gosto de depender de efeitos especiais. Se preciso fazer a população de uma aldeia despencar de um penhasco, eu faço acontecer. - Sua mãe morreu no parto, seus seis irmãos morreram em circunstâncias bem estranhas. Como lida com tantos traumas?

HORŁSCOPO

SACHA BARON COHEN - Minha mãe morreu no parto, de estrangulamento. Meu pai morreu num trágico acidente em que foi acidentalmente acertado por 96 balas. Meu tio vai morrer em um acidente de helicóptero daqui a algumas horas. Será muito triste. - Não sei se o senhor sabia, mas, no Brasil, nós estivemos sob ditadura militar no passado. - É mesmo? Eu não sabia, meus parabéns! - Não, senhor. Foi um período muito traumático, e os brasileiros não têm saudade desse tempo. Por que acredita que a ditadura é a melhor forma de governo? - Ah não, vocês precisam voltar à ditadura! É muito melhor do que essa democracia que vocês têm hoje. Veja o exemplo desse país em que estamos. Barack Obama vive fazendo planos, mas não faz nada efetivamente. É muito melhor ter um cara fazendo coisas erradas do que ter de esperar para que alguém faça qualquer coisa. - O senhor já teve planos de nos invadir? - Bem, eu já invadi uma pequena, mas relevante parte do Brasil: Gisele Bündchen. E tenho outro plano de conquista: quero mandar meu míssil em Adriana Lima.

DE 14/05 A 21/05

PATRYCIA TORRES/AE

AS ENERGIAS DOS ASTROS FORMAM A INDIVIDUALIDADE O ser humano, normalmente, precisa entender a lógica das coisas para depois desenvolver uma crença sobre determinado assunto. Para auxiliar este processo de entendimento quanto à astrologia, gostaria de esclarecer que os astros, além de corresponderem a determinadas energias, foram criados para proporcionar uma ordem dentro do universo, assim como as estações do ano, por exemplo. Áries (20/03-19/04) Amigo ariano, está claro para você sua missão de liderar, de ser aquele que cria movimentos e que sai à frente para que a realização aconteça ? Você que normalmente tem muita energia e disposição, precisa concentrá-la neste aspecto para que sua vida flua. Touro (20/04-20/05) Desistir no meio do caminho jamais será um comporta-

mento taurino. Sua determinação e força é o que faz com que suas vontades e desejos se realizem. Porém, muitas vezes somos testados exatamente naquilo onde está nossa maior habilidade. Sendo assim, se sentir vontade de desistir de algo, é exatamente nisso que você deve perseverar. Gêmeos (21/05-20/06) Sua excelente capacidade de analisar os fatos e traçar objetivos, aliada à sua excelente maneira de se comunicar, são marcas registradas do seu sucesso. Lembre-se de usá-las no coletivo e não somente no aspecto pessoal. Câncer (21/06-22/07) A necessidade de controlar tudo e todos é um ponto que desestabiliza sua energia em alguns momentos. Pode até ser muito positivo no aspecto profissional, se você tem permissão para fazê-lo. Porém, na vida pessoal é bom lembrar que existe uma questão chamada livre arbítrio e todos têm o direito de exercê-lo. Leão (23/07-22/08) Pessoalmente, não vejo problema algum para os leoninos que usam a sua característica pessoal de exibição para ganhar posições de destaque. O único ponto que pode ser reforçado é você utilizar essa

mesma energia com o intuito de motivar as pessoas a sua volta e mostrar que é possível. Virgem (23/08-22/09) Tudo aquilo que precisa de organização e foco merece o cuidado impecável do amigo virginiano. Com seu olhar perfeccionista que avalia tudo de ponta a ponta, é praticamente certo que algo que passe por você não seja melhorado. Só não seja exigente demais, nem todos estão no mesmo patamar. Libra (23/09-22/10) Se você encontra o equilíbrio entre você e o outro, existe a paz Se você coloca suas vontades sobre o outro, a desarmonia impera. Se você só vê o outro e esquece de você, não há evolução. Reflita sobre isso e busque o meio termo. Escorpião (23/10-21/11) É um comportamento tipicamente escorpiniano transitar por diversos meios, por diversas energias e por circunstâncias das mais adversas, lembrando-se sempre de voltar para casa. Essa é uma grande virtude e deve ser preservada. Sagitário (22/11-21/12) A facilidade com que você se relaciona em qualquer

meio é muito positiva, desde que você tenha consciência de manter sua própria individualidade. Muitas vezes, essa postura pode parecer superficial demais para quem é mais observador. Capricórnio (22/12-20/01) Podemos dizer que o capricorniano domina as questões do tempo. Sempre tendo objetivos claros, o capricorniano persevera e vence todos os desafios a que se propõe. Entrar para perder definitivamente não é com o capricorniano. Aquário (21/01-18/02) Muitas vezes pode existir uma necessidade de foco na sua vida. Principalmente se você perceber em si mesmo uma tendência extra de ambição e ganância. Querer tudo e olhar para todos os lados com o mesmo desejo pode não trazer os resultados que você quer e que você espera. Peixes( 19/02-19/03) Quando você descobrir o lado oposto do seu pessimismo, um novo mar de oportunidade se abrirá. Obviamente, algumas características sempre serão predominantes, mas você precisa se permitir co-nhecer o outro lado.


Oeste Semanal ❒ Luís Eduardo Magalhães, 12 a 18 de maio de 2012

CIDADE

AGENDA Prévia do São João Será realizado neste sábado, 12, o Esquenta para o São João, no Estação Gê, a partir das 22h. Show com as bandas Baião de 2 e My Love.

Dança O projeto Ritmos Dance Móvel, com aulas de dança e ritmos aeróbicos gratuitos ao público, será realizado neste domingo, 13, das 17h às 20h, na praça Albano Pedro Lauck, no Jardim Paraíso.

Opção em lanches Será inaugurada neste sábado, 12, a South Lanches, na esquina das ruas Rui Barbosa e Rio Grande do Sul, no Centro. A loja ficará aberta todos os dias, das 18h à meia-noite. Mais informações pelos telefones (77) 98202545 e 3639-0549.

Humor O espetáculo Autarquias do Humor, com o apresentador de televisão e humorista Hiran Delmar e os bonecos, é a atração do Estação Gê, na sexta-feira, 18, a partir das 22h. Mais informações pelo telefone (77) 3628-0054.

Forró universitário Será realizado na quinta-feira, 17, a partir das 20h, no Huba Strike, o Forró Universitário, promovido pelos alunos do 4º período de Ciências Contábeis da Faculdade Arnaldo Horácio Ferreira. Mais informações pelo telefone (77) 3628-0395.

Inauguração A Unidade de Saúde Vereda Tropical será inaugurada na sexta-feira, 18, a partir das 17h.

Show gospel O cantor Sandro Nazireu se apresenta no próximo sábado, 19, às 20h, na quadra Dioclécio Severino Ramos, anexa à Escola Ottomar Schwengber. Mais informações pelo telefone (77) 9991-1136.

Sertanejo As duplas Wilian e Marcelo e Lucas e Fernando são as atrações do Boteco Sertanejo, no próximo sábado, 19, a partir das 22h, no Estação Gê. Mais informações pelo telefone (77) 3628-0054.

Futevôlei Será realizado nos dias 19 e 20 de maio, a partir das 14h, no JC Society, o 1º Open de Futevôlei Vento em Popa. Mais informações pelo telefone (77) 9808-6117.

Corrida rústica Será realizada no dia 20 de maio a 5ª Corrida Rústica Carcará. A concentração será na praça Ayrton Senna, no Santa Cruz, a partir das 7h. O trajeto da prova terá 7,5 km de extensão nas categorias masculina e feminina (militar e civil – infantil e adulto). As inscrições (1 kg de alimento não perecível) podem ser feitas nas sedes da Associação dos Moradores do Aracruz (AMA), Cipe/Cerrado e Rádio Cultura. Mais informações pelos telefones (77) 36286315 (Cipe/Cerrado), 3628-4023 (Rádio Cultura) e 3628-1980 (AMA).

Karatê O III Campeonato Baiano de Karatê Interestilos do São Francisco será realizado nos dias 19 e 20 de maio, no Ginásio de Esportes José Alberto Lauck. No dia 19, às 15h, clínica de arbitragem; às 15h30, início da competição em todas as categorias. No dia 20, às 8h30, abertura oficial; às 10h, finais em todas as categorias; às 12h30, premiação aos melhores classificados. Mais informações pelos telefones (77) 9137-3059/ 8111-0073/ 9910-7665 ou pelos e-mails fekisf-ba@hotmail.com e kimpacto@ hotmail.com

Cruzada Evangélica Será realizada nestes sábado, 12, e domingo, 13, a partir das 18h, a Cruzada Evangélica da Assembleia de Deus, na sede da igreja, na rua Central, próxima à Farmácia Estrela, no Santa Cruz. Na programação, participação dos pastores Ricardo Barroso (Santa Catarina) e João Amaro e João Gomes (ambos de Brasília/DF) e apresentação musical com Moisés Guedes (Tocantins) e Adelor Borges e Sueton Ferreira (estes de Brasília/DF). Mais informações pelo telefone (77) 9932-1520.

Mês das mães Prossegue até 2 de junho a Campanha Mês das Mães, promovida pela Associação Comercial e Industrial de Luís Eduardo Magalhães (Acelem) e empresas conveniadas. Os clientes das lojas participantes ganham direito a cupom em cada compra realizada (o valor mínimo é estipulado pelo lojista). Os clientes concorrerão a uma moto Action 100 ES Iros com capacete; uma tv de plasma 32 polegadas; um fogão; duas bicicletas; um aparelho de ar condicionado; dois celulares; uma máquina fotográfica digital; um microondas; um aparelho de CD player.

Festa Junina Faahf-Cemac A Faculdade Arnaldo Horácio Ferreira (Faahf) juntamente com o Centro Educacional Maria Cardoso Ferreira (Cemac) promovem dia 6 de junho a sua festa junina. O evento acontece a partir das 19h no estacionamento da Faahf, com shows musicais, brincadeiras e muita comida típica. Ingressos à venda na Faahf e no Cemac. Mais informações pelo telefone (77) 3628-9900.

Cursos de MBA A Faculdade Arnaldo Horácio Ferreira (Faahf), em parceria com a Fundação Getúlio Vargas (FGV), está com inscrições abertas para os cursos de MBA em Gestão Estratégia do Agronegócio; Gestão Financeira, Controladoria e Auditoria; Gestão Empresarial; Gestão de Pessoas. A previsão de início das aulas é para este mês de maio e a duração de cada curso é de 18 meses. Mais informações pelo telefone (77) 3628-9900 ou também pelo site www.fgv.br/mba ou e-mail coordenacao.fgv@faahf.edu.br

Festa da Colheita Será realizada no dia 27 de maio, no Centro de Eventos Nossa Senhora Aparecida (Gruta), a Festa da Colheita, com R$ 40 mil em prêmios. Às 9h30, missa; às 12h, almoço; às 17h, bingo.

Lembrete Será realizada neste sábado, 12, a partir das 23h, a Organic Fest, no Avenida Quatro

21

Informações para esta seção: oestesemanal@diariodooeste.com.br

Estações (avenida Juscelino Kubitschek, 3740). Apresentação dos DJs Alex, Marquinhos Espinosa, Kamila Lopes e Lethal (este de Brasília). Mais informações pelos telefones (77) 3628-4988 e 9996-6655. ● Prossegue até o dia 31 de maio a Campanha Contra a Febre Aftosa, com vacinação de todos os animais dos rebanhos. Os criadores que não vacinarem e não declararem a vacinação estarão sujeitos à multa e não poderão movimentar seu rebanho. Mais informações com a Agência de Defesa Agropecuária da Bahia (ADAB) pelo telefone (77) 3628-5117. ● A Click Soluções Tecnologia, em parceria com a Unitri Cursos, está com inscrições abertas para os cursos de informática básica e avançada, atendente de farmácia, montagem e manutenção de micro, auxiliar administrativo e financeiro, instalações elétricas, secretariado, operador de caixas e inglês. Mais informações pelo telefone (77) 3628-3448. ● O Janke Circus estará em Luís Eduardo

Magalhães nos dias 18, 19 e 20 de maio, em local e horários a definir. Mais informações pelo telefone (77) 9145-2655. ● Prossegue até o dia 25 de maio a Campanha Nacional de Vacinação contra a Influenza. Os atendimentos serão feitos na Policlínica Municipal (Centro) e nas unidades de saúde Oscar Doerne, Oswaldo cruz, Moacir Marchesan, Mimoso I, Luís Gustavo Rosa, Jardim das Acácias e Buriti, das 8h às 17h. Na área rural o atendimento será no Novo Paraná e em todas as vilas do Assentamento Rio de Ondas, das 8h às 12h. Serão vacinadas crianças de seis meses a dois anos, gestantes em qualquer período da gravidez e idosos acima de 60 anos. É recomendável a apresentação da carteira de vacinação. ● Boas práticas para uso eficiente de fertilizantes (BPUFs) é o tema do III Simpósio Regional IPNI Brasil, nos dias 15 e 16 de maio, no Hotel Saint Louis (rua Juscelino Kubitschek, 976, Jardim Paraíso). No dia 15, abertura às 9h e, a partir das 9h30, palestra “Aspectos gerais sobre boas práticas para uso eficiente de fertilizantes”, com Luís Prochonow e Valter Casarin, da IPNI Brasil; às 11h, palestra “Conceitos e dinâmica de nutrientes no sistema solo-planta visando BPUFs”, com Luís Prochow e Valter Casarin; às 14h, “Manejo da acidez do solo como fundamento para BPUFs”, com Eduardo Caires, da Universidade Estadual de Ponta Grossa (UEPG); às 16h, “Sistema de produção e eficiência agronômica de fertilizantes”, com Rogério Soratto, da Universidade Paulista (Unesp), de Botucatu (SP); no dia 16, às 8h, “Otimização na aplicação de fertilizantes e corretivos agrícolas”, com Pedro Luz, da USP; às 10h, “BPUFs para soja, com Volnei Pauletti, da Universidade Federal do Paraná (UFPR); às 11h, “Informações sobre BPUFs para soja na Bahia”, com Celito Missio, da Aprosem/BA; às 11h30, debate sobre soja; às 13h45, “BPUFs para milho”, com Antônio Fancelli, da USP; às 14h45, “Informações sobre BPUFs para milho na Bahia”; às 15h15, debate sobre o milho; às 16h15, “BPUFs para algodão”, com Leandro Zancanaro, da Fundação MT; às 17h15, “Informações sobre BPUFs para algodão na Bahia”, com Pedro Brugnera, da Círculo Verde Consultoria; às 17h45, debate sobre algodão. Mais informações e inscrições pelos telefones (19) 3433-3254 e 3422-9812, pelos e-mails elavorenti@ipni.net e rfiuza@ipni.net e pelo site www.ipni.org.br. ● Será realizada nos dias 18, 19 e 20 de maio a II Grande Vaquejada, no Parque Universo, em Formosa do Rio Preto. Prêmios

de R$ 45 mil (categoria profissional) e R$ 5 mil (categoria amadora). Shows com Tok + e Toinho e Cia, no dia 18; Espora de Prata e Sela Vaqueira, dia 19; apresentação de bandas regionais, no dia 20. Mais informações pelos telefones (77) 9988-0983 e 9971-6492. ● Será realizado em 19 de maio o “Dia com Deus”, promovido pela Igreja Assembleia de Deus de Luís Eduardo Magalhães, na Escola Municipal Aldori Luiz Tolazzi, no Santa Cruz, das 9h às 21h30. Durante o evento serão realizadas atividades de gincana e louvores pelos jovens participantes. Mais informações pelo telefone (77) 3628-1988. ● No dia 19 de maio será realizado o Bailão Country Sertanejo, a partir das 22h30, no CTG Sinuelo dos Gerais, no Mimoso I. Apresentação da dupla Paulo César e Juliano e da banda Lord Company. Mais informações pelos telefones (77) 3628-2443 e 9950-8087. ● O Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas de Luís Eduardo Magalhães (Sebrae/LEM) promove entre 15 de maio e 24 de agosto o programa “Sebrae Mais – Gestão Financeira: Curso e Consultoria”. No dia 15 de maio, encontro de iniciação, das 8h30 às 18h; de 16 a 18 de maio, entrevistas individuais (duas horas por empresa); dia 28 de junho, encontro intermediário I, das 8h30 às 12h; dias 28 e 29 de junho, atendimento personalizado (uma hora por empresa); dia 26 de julho, presencial intermediário II, das 8h30 às 12h30; dias 26 e 27 de julho, atendimento personalizado II (uma hora por empresa); dia 24 de agosto, encontro final, das 8h30 às 12h30. Entre 14 e 18 de maio acontece o curso “Compras governamentais, como vender para a administração pública sem risco”, das 19h às 22h. Os cursos serão realizados na sede do Sebrae (rua Paraíba, s/nº, Centro). Mais informações pelos telefones (77) 3628-2790/3628-3353 e 3611-3013. ● Será realizado em 25 de maio, o 7º Encontro Técnico de pesquisa e desenvolvimento de Sistema de Plantio Direto (SPD) e Integração Lavoura e Pecuária (ILP), na Fazenda São Miguel, em Roda Velha, São Desidério. ● No dia 25 de maio será realizada, a partir das 23h, a Saideira Universitária, no Estação Gê. Show com a dupla João Pedro e Júnior e animação do DJ Adriano. Mais informações pelos telefones (77) 9802-8660 e 9997-7114. ● Acadêmicos do 5º período de Engenharia de Produção da Faculdade Arnaldo Horácio Ferreira (Faahf) realizarão em 1º de junho, o II Simpósio de Engenharia de Produção (Simep). O evento é aberto ao público e será realizado no auditório da Faahf a partir das 19h30, com a presença do astronauta brasileiro Marcos Pontes. O tema desta segunda edição será “Tecnologia no Mundo”. Informações e ingressos pelo fone (77) 3628 -9900 com a coordenação do Curso de Engenharia. ■


22

Oeste Semanal ❒ Luís Eduardo Magalhães, 12 a 18 de maio de 2012

SEBASTIÃO NERY Porque Hollande PARIS – Domingo 3 da tarde, almoçávamos no Café-Restaurante Les Editeur, no Odeon, boulevard Saint German, aqui no centro de Paris, esperando o fim da votação do segundo turno das eleições presidenciais, para assistirmos os resultados na sede do Partido Socialista, ali perto. Na mesa ao lado, três mulheres elegantes e um rapaz. De repente o celular de uma delas, a mais velha, loura, anunciou uma mensagem. Eram exatamente 16 horas. Ela pegou o telefone, leu e começou a xingar. A televisão da Bélgica acabava de dar a vitória de François Hollande. Aqui na França há uma legislação ridícula. As urnas fecham às 18 horas, mas é proibido divulgar resultado, mesmo de pesquisas de boca de urna, antes das 20 horas. Então cria-se uma situação kafkeana. Os estúdios de televisão no ar,  preparados para a grande notícia. Mas proibidos. Desde as 16 horas as TVs da Bélgica e Suiça já estão antecipando os resultados das derradeiras pesquisas. Às 18 horas todos já têm os números finais franceses. Mas os pobres apresentadores da TV, os Willian Bonner e Patrícia Poeta, com cara de tacho, esperando as demoradas 20 horas.

Bastilha Só o povo não esperava. Desde as 19 horas, nas ruas, multidões com suas bandeiras e carros já se dirigiam para a rua Solferino, sede do Partido Socialista,  ou para a gloriosa e imensa praça da Bastilha, que em 1981 já recebera François Mitterrand e agora receberia seu aluno François Hollande, que votara na sua cidade no interior e vinha chegando, de avião, para mais um cortejo até a praça. Uma noite delirante em Paris. A diferença entre ele e Nikolas Sarkozy, que tentava a reeleição, foi mínima: 51,63% contra 48,37%. Em 1981,  o ex-presidente

François Mitterrand, amigo, líder e mentor político de Hollande, ganhou com 51,8%. A França sempre foi assim: uma laranja de duas bandas, ao meio.  

De Gaulle Por que Hollande ganhou? Desde 1948, um pequeno e sábio livro, uma bíblia política, “Doctrine Politique” (Ed. Rocheur), havia respondido: -“O liberalismo tornou-se inconcebível, insuportável para o mundo e especialmente para a França hoje. O velho liberalismo não

DOCE CAFÉ EM NOVO ENDEREÇO

Ponto de encontro da sociedade de Luís Eduardo Magalhães, o Doce Café abriu na quinta-feira em novo endereço. Fica agora na esquina das Ruas Rondônia e Rui Barbosa. São 260 metros quadrados de salão refrigerado, com 350 metros quadrados de área total, incluindo o deck ao ar livre. Neste espaço, estão colocadas 23 mesas, o que dá

é o caminho econômico e social para a França. A questão social tem de ser colocada em primeiro lugar. Os povos têm direito de dispor inteiramente de si, não para enriquecer oligarquias internas e externas. Para libertar o homem”. Assinado, Charles De Gaulle, o herói da França.

Jacques Attali Em 90, Adido Cultural aqui em Paris, o universal Delfim me disse: -“Procure conhecer o trabalho e as obras do professor Jacques Attali. É o mais interessante dos novos intelectuais franceses”.  Com 70 anos e todos os títulos do jornalismo e da universidade, ele é hoje o mais consagrado e múltiplo intelectual da França. Tem livros imperdíveis: “Os Judeus, o Dinheiro e o Mundo” (Ed Saraiva), “Dicionário do Século XXI” (Ed Record), “Phares” (Ed Flamarion). Na véspera da eleição, apesar de a revista “L’Express”, a “Vejona” daqui, ser do grupo Dassault, dos aviões “Air Bus” e “Rafalle”, e dono do jornal “Figaro ”, o mais reacionário, Jacques Attali escreveu um artigo retumbante: -“Porque votarei Hollande Domingo”. Era um aval e um comício.

Hollande 1 - “Conheço muito bem cada um dos dois

RAUL MARQUES

para atender até 100 pessoas com tranqüilidade e conforto. Um dos sócios, Inácio Mayer Bueno, estava feliz com o novo endereço e com a expansão. “Nosso objetivo é aumentar a qualidade de atendimento”, disse, enquanto conferia o pedido de uma mesa. Anna Paula Bueno e Pingo Bueno também estavam ocupadas com clientes, entusiasmadas com o

novo endereço. Segundo Anna Paula, a casa atende, em média, 100 pessoas por dia e além do cafezinho e do chá gelado, serve tortas de limão, nozes, três tipos de mousses, prestígio, chiffon, morango, abacaxi com coco, além de sorvetes e outras iguarias. O horário de funcionamento do Doce Café é de segunda a sábado, das 13h30 às 20h30.

candidatos. Um desde 1980, o outro desde 1982. Trabalhei com os dois. Tornaram-se, para mim, amigos. E continuaram. Por isso votarei domingo em François Hollande”. 2- “O período que começa será muito difícil. O mundo será cada vez mais competitivo. O presidente que sai não me parece o melhor preparado para enfrentar esta situação. Primeiro, por causa de seu balanço. Alguns dirão que ele não podia fazer mais em razão da crise financeira mundial. Não penso assim: a crise não o impedia de reformar bastante o Estado, não o obrigava a reduzir as receitas fiscais sem diminuir as despesas públicas”. 3 – “François Hollande é o melhor candidato. Eu o conheço bem há longo tempo para poder garantir sua competência, sua transparência, sua cultura, sua seriedade, sua força moral. Seu programa e sua estratégia correspondem, muito mais que os de Sarkozy, ao que o país precisa hoje, ser unido, ser juntado. Reunir duravelmente todas as forcas da Franca”. É por isso também que votei nele. Quer dizer, teria votado. Sebastião Nery, baiano de Jaguaquara, é jornalista político. Foi comentarista do Jornal Nacional, colunista da Folha de S. Paulo e da Tribuna da Imprensa, correspondente de jor nais brasileiros em Moscou, Praga e Varsóvia. Fundou o jornal Politika no início dos anos 70, fechado pela ditadura militar. É autor de 19 livros, entre eles a antológica série Folclore Político. Nery foi também vereador em Belo Horizonte, deputado estadual na Bahia e deputado federal pelo Estado do Rio de Janeiro. Foi ainda adido cultural do Brasil na França e na Itália.

Indústria da Bahia cresceu 8,0% no trimestre A produção industrial baiana interrompeu cinco trimestres consecutivos de queda ao crescer 8,0% no primeiro trimestre de 2012, na comparação com o mesmo período do ano anterior. A taxa foi a segunda melhor entre os 13 estados pesquisados no País. No período, quatro dos oito segmentos da indústria de transformação apresentaram incremento, com destaque para produtos químicos (39,1%), pressionado, sobretudo, pelo acréscimo na produção de etileno não saturado e polietileno de baixa densidade; alimentos e bebidas (8,7%), resultado do aumento do óleo de soja e farinhas do óleo de soja; borracha e plástico (6,6%); e minerais não metálicos (3,4%). Negativamente, destacaram-se refino de petróleo e produção de álcool (-6,5%) e celulose e papel (-9,4%). Os dados são da Pesquisa Industrial Mensal (PIM), realizada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) e sistematizada pela Superintendência de Estudos Econômicos e Sociais da Bahia (SEI). Apenas o estado de Goiás obteve taxa superior à da Bahia no primeiro trimestre (18,8%).


Oeste Semanal ❒ Luís Eduardo Magalhães, 12 a 18 de maio de 2012

CIDADE

LUCIANO DEMETRIUS

Achado menino que estava desaparecido DA REDAÇ‹O menino Victor Scarmato Santos, de 11 meses, que estava desaparecido desde o dia 14 de abril, foi encontrado em Serra, região de metropolitana de Vitória (ES), na tarde de quarta-feira, 2, em companhia de sua mãe, a profissional em hotelaria Regy Cristina Santos Lucas, 32 anos. O pai da criança, o administrador Ricardo Scarmato Silveira, 40, recuperou Victor em uma delegacia da cidade capixaba. O fato só foi anunciado na manhã de sábado, 5. Segundo Ricardo Silveira, ele e Regy estavam separados e a mãe da criança esteve em Luís Eduardo Magalhães para visitar o bebê, no início de abril. No final da tarde de 14 de abril, de acordo com o pai, Regy teria desaparecido com Victor. Ricardo Silveira registrou queixa na delegacia de Luís Eduardo e procurou por um advogado para cuidar do caso. “No dia seguinte ao sumiço dela (Regy) e do meu filho, fui informado por um passageiro de um ônibus, que saiu de Barreiras com destino a Salvador, que uma mulher com as características da minha ex-mulher estava com um bebê no colo teria

O

Preso com produtos roubados de loja Maciel dos Santos, 18 anos, foi preso no final da tarde de quarta-feira, 9, com objetos que haviam sido roubados de uma loja no Santa Cruz. Por volta das 17h, policiais militares foram comunicados sobre um assalto a mão armada à loja Brisa Variedades, na rua Ibitiba. Ao realizar buscas pelas ruas próximas ao estabelecimento assaltado, por volta das 17h40, os PMs encontraram Maciel dos Santos, carregando uma mochila na cor verde, com as mesmas características da descrita pelo dono da loja Cícero Luiz Rodrigues. Segundo o comerciante, um dos ladrões levou a bolsa com vários produtos que estavam nas prateleiras da loja. Na abordagem, os policiais encontraram dentro da mochila uma caixa de som, quatro mini-amplificadores, dois celulares e 15 relógios de pulso. Maciel dos Santos disse que havia recebido os objetos de um conhecido e que o material seria dividido com outros comparsas em uma praça conhecida no bairro por “buracão”. Ele disse que não tinha informações da pessoa que lhe forneceu a mochila com os pertences da loja. Maciel dos Santos foi levado à Delegacia de Polícia e, lá, o comerciante Cícero Rodrigues recuperou o material roubado de sua loja. Em levantamento feito pelos policiais civis, constatou-se que Maciel dos Santos já tinha passagens pela delegacia por furto e roubo, quando ainda era menor de idade. Inicialmente, ele vai responder por receptação e, se comprovada sua participação no assalto à loja, também por roubo.

Ladrão furta botijão de gás e incendeia casa Além de arrombar a casa do pintor Tomás Dias dos Santos, 58, na rua WG, no Jardim das Oliveiras, para furtar um botijão de gás, João Marcos Alves da Silva, 28 anos, incendiou parte da residência. O fato aconteceu à

ajudada por ele naquela linha”. O homem, que não se identificou, teria mantido contato com Ricardo Silveira após ter visto na internet as informações do desaparecimento de Victor. No dia 16 de abril, familiares de Ricardo Silveira teriam recebido informações de que Regy e o bebê estariam em Serra, região metropolitana de Vitória (ES), cidade onde moram familiares da mãe da criança. Imediatamente, Ricardo Silveira acionou a justiça. “Eu não tinha nenhum contato da minha ex-mulher, por isso procurei pela justiça”. No dia 23 de abril, foi expedida uma carta precatória, pelo juiz da Vara de Família, Pedro Godinho, para que Ricardo Silveira fosse buscar seu filho. No dia 25 de abril, o administrador foi até Serra com o documento e o apresentou em uma delegacia local. Oficiais de justiça foram, por duas vezes, até a residência em que Regy estaria com o menino, mas não a encontraram. Somente no dia 2 de maio é que Ricardo Silveira, ainda em Serra, recebeu o telefonema da Delegacia de Crimes Eletrônicos com a informação de que sua ex-mulher teria ido prestar queixa contra ele, porém havia ficado presa por ter mandado de prisão expedido em 2004. Regy iria denunciar Ricardo Silveira

1h30 de domingo, 6. Ao escutar um barulho que vinha do quintal, o proprietário do imóvel foi verificar o que acontecia. Ele flagrou João da Silva tentando levar o botijão de gás que estava em um cômodo anexo ao imóvel. Pior que isso, o pintor notou que uma fumaça vinha dos fundos de sua casa. Ele imediatamente tentou apagar as chamas e, em seguida, acionou a Polícia Militar. Os policiais realizaram buscas por ruas próximas e encontraram João da Silva, que havia deixado o botijão em frente à casa arrombada. Ele foi levado à Delegacia de Polícia e vai responder por danos materiais e tentativa de furto.

Casa é arrombada no Tropical Ville O vendedor Eloi Fernando Onghero, 32 anos, encontrou sua casa no Tropical Ville arrombada ao voltar de um passeio com a família, na tarde de domingo, 6. Por volta das 18h30, ele chegou a sua residência e viu uma das janelas com os vidros quebrados e o cadeado estourado. Ao entrar na casa, ele encontrou imóveis revirados. Foram levados um notebook e dois aparelhos de DVD.

Dois são presos com drogas Em um espaço de dez minutos, policiais militares prenderam na tarde de domingo, 6, no Jardim das Oliveiras, um jovem e um adolescente portando drogas. Por volta das 18h, enquanto realizavam buscas para tentar encontrar suspeitos de arrombamento a uma residência, os PMs abordaram no Setor W 3 o auxiliar de serviços gerais Cristóvão Santos da Silva, 22 anos. Com ele foram encontrados 124 gramas de cocaína e uma balança de precisão. Quando os policiais levavam Cristóvão da Silva à delegacia, eles avistaram outro suspeito, na mesma rua, e o abordaram. Durante a revista em V. S. S., 17, os PMs encontraram 19 trouxas de maconha, um celular e R$ 50. Os dois foram

23

RICARDO Scarmato Silveira com o filho Victor, encontrado com a mãe em Serra (ES). por ele ter espalhado nas redes sociais da internet que o filho estaria desaparecido. Ricardo Silveira foi informado de que poderia recuperar seu filho, que estava na delegacia. “Eu fiquei surpreso pela notícia de que ela era procurada pela polícia. Por um lado foi bom eu poder ter meu filho de volta, mas por outro foi péssimo por toda a humilhação pela qual a Regy passou”, afirmou Ricardo Silveira. Segundo o administrador, ele e sua ex-mulher se conheceram em 2008, em Roses, norte da Espanha, e casaram-se em 2009. Quando Victor estava com seis meses, no final de 2011, os dois se divorciaram e Ricardo

Silveira retornou ao Brasil para Barretos (SP), sua cidade natal, em companhia do menino. “Voltei ao país com autorização do Consulado do Brasil e com consentimento da minha ex-mulher”, afirmou. No início de 2012, o administrador mudou-se com a criança para Luís Eduardo Magalhães a convite da irmã. Segundo Ricardo Silveira, jamais houve atrito entre ele e Regy em relação à guarda da criança. “Minha ex-mulher veio ao Brasil e ficou cerca de 15 dias em Luís Eduardo Magalhães para visitar o bebê. Não entendi essa atitude dela”, disse. A Delegacia de Serra não informou por qual tipo de crime Regy Lucas era procurada.

encaminhados à Delegacia de Polícia e vão responder por porte de droga e tráfico.

pelo vendedor Vanisson Costa da Silva, 31. Segundo relato de José Pereira, por volta das 17h50 ele seguia com sua moto pela avenida quando avistou o Celta cruzar para entrar na rotatória que dá acesso à rodovia. “Ele entrou na avenida sem olhar, foi tudo muito rápido. Eu não tive tempo de frear e acabei batendo na lateral do carro”, afirmou. Já o motorista do carro argumentou que parou para cruzar e que viu a moto à distância. “Eu vi que a moto vinha na minha direção, mas estava bem longe. O problema é que não percebi que a moto estava em alta velocidade e, quando fui cruzar, ela bateu no meu carro”. Fredson do Nascimento foi socorrido pelo Samu e levado para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA). Por apresentar sinais de embriaguez, Vanisson da Silva teve sua carteira de motorista apreendida por policiais militares. Na noite de sábado, um Fiat Uno e uma moto envolveram-se em acidente na BR 020/242, em frente ao Hotel Saint Louis. Por volta das 22h40, o Fiat azul placa JSJ 8320, conduzido por José Pereira da Silva, 28, teve a parte traseira atingida pela moto Dafra/Speed preta placa NTS 8731, pilotada por Willian Oliveira de Souza, 22. Segundo o motorista do carro, ele seguia pela rodovia no sentido Barreiras quando, ao diminuir a velocidade para passar sobre um quebra-molas, foi atingido pela motocicleta. Já o condutor da moto argumentou que bateu atrás do veículo assim que este freou bruscamente quando ia fazer uma ultrapassagem em faixa contínua da rodovia e, ao retornar para sua pista, atrapalhou sua visibilidade.

Quatro feridos em acidentes com motos Quatro acidentes envolvendo motocicletas – um no sábado, 5, e três no domingo, 6 -, deixaram quatro homens feridos em Luís Eduardo Magalhães; dois deles eram ciclistas. O mecânico Ismael da Silva Santos, 25 anos, e o borracheiro Pablo Leandro Rodrigues, 26, ficaram feridos ao serem atropelados por uma moto na tarde de domingo, no Santa Cruz. Segundo testemunhas, os dois homens estavam de bicicleta quando foram colhidos por uma motocicleta preta placa MWV 6472 (o modelo e a marca não foram identificados), por volta das 15h, na rua Ibitiba, em frente ao Mercado Mendonça. Populares disseram que o condutor da moto fugiu após o acidente sem prestar socorro aos feridos. Ismael Santos e Pablo Rodrigues foram levados com ferimentos generalizados para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA). Uma viatura da Polícia Militar realizou buscas no bairro para encontrar a moto com as características descritas, mas não teve êxito. Também na tarde de domingo, um homem não identificado que pilotava a moto Honda CG 125 preta placa MWF 2911 ficou ferido após bater em um Celta, no Jardim Paraíso. O carro de placa NTV 5389, conduzido pelo vendedor Jucelino Souza Bispo Júnior, 31 anos, colidiu com a motocicleta por volta das 15h, na rua Jorge Amado, nas proximidades da Escola Gente Grande. O motociclista foi levado para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA). Ainda na tarde de domingo, o metalúrgico Fredson Oliveira do Nascimento, 31 anos, teve a perna direita fraturada e sofreu lesões nas costas após acidente entre uma moto e um carro, na rotatória entre a Avenida Enedino Alves da Paixão e a BR 020/242, no Santa Cruz. Ele estava de carona na Honda Fan 150 placa NTI 2025 conduzida pelo soldador José Luiz Lima Pereira, 22, que bateu na lateral do Celta placa DDZ 0090, dirigido

Gol bate em carreta. Um homem não identificado, que conduzia o Gol preto placa JSH 8373, ficou ferido após bater com seu carro na traseira da carreta Scania azul placa GSV 4352 na manhã de domingo, 6, na BR 020/242, em frente à Topvel Veículos. O acidente aconteceu às 6h e, segundo testemunhas, o Gol bateu no caminhão após este ter freado bruscamente para passar sobre um quebra-molas. O motorista do Gol ficou preso entre as ferragens. Após ser retirado do carro, ele foi socorrido pelo Samu e, devido à gravidade dos ferimentos, levado para o Hospital do Oeste, em Barreiras. ■


24

Oeste Semanal ❒ Luís Eduardo Magalhães, 12 a 18 de maio de 2012

SOCIEDADE TIZZIANA OLIVEIRA tizzianaoliveira@diariodooeste.com.br

O mês das noivas

Bazar das Amigas FOTO KIKA

Organizado pelas amigas Márcia Winter e Ieda Oliveira, o bazar que aconteceu no sábado, 5, teve de tudo um pouco - de roupas novas e seminovas, bolsas, sapatos, telas, objetos de decoração e móveis. Entre as presentes estavam Lucia Helena Capeleto Francisco, Marli Didomenico, Lurdinha Tondatto, Alessandra Scarela e Rute Granich. O próximo bazar está será em meados de junho. 

Dias das mães

JÚLIO de Oliveira Lins, Juliana Lins e Rafael Ruiz

Este ano a escola de idiomas CCAA comemorou o Dia das Mães no sábado, 5, no Hotel Solar, às 16h. Há sete anos o CCAA homenageia as mães com um delicioso café da tarde. “Acho que ano que vem teremos que ver um local maior. As mães fizeram a maior festa no bingo. Foi muito bom”, disse Claudinéia Muchinski, diretora da escola CCAA.

MARCELO Ferreira da Silva e Marcella Schettini Knupp FOTO KIKA

uliana Lins e Rafael Ruiz casaram-se no domingo, 6, em Barueri, SP. Juliana é filha de Júlio de Oliveira Lins. Os noivos viajaram para Cancun e Panamá em lua-de-mel. Júlio e a esposa Roseli D’Agostini Lins viajaram na quinta-feira, 3, para prestigiar o casamento.

J

25 anos da Wizard A diretora da escola de idiomas Wisard, Valdete Rücker, o marido Valter Rücker, e a coordenadora Andréia Zanini viajaram na quarta-feira, 2, para a Praia do Forte. Eles foram participar do evento de comemoração dos 25 anos da Rede Wizard, que aconteceu nos dias 3,4 e 5. O grupo ficou hospedado no Resort Iberostar, onde aconteceu o evento.

● Aconteceu no sábado,5, o casamento de Marcella Schettini Knupp e Marcelo Ferreira da Silva, na igreja Missão Mundial Servos.

Campeonato de Canastra

● Pauliana Melo e Ananias Queiroz

casaram-se no sábado, 5, às 17h30. A cerimônia religiosa foi realizada na Igreja Santo Antônio. Os noivos receberam cerca de 150 convidados no Espaço Balão Mágico. Eles viajaram na terça-feira, 8, para Salvador, e de lá seguem para Natal.

ANANIAS Queiroz e Pauliana Melo

● Marikel Toniazzo e Arlei Gehlen casaram-se no sábado, 5, às 17h30. A cerimônia religiosa aconteceu na igreja Nossa Senhora Aparecida (Matriz). Após a cerimônia, os noivos recepcionaram aproximadamente 300 convidados no Espaço Quatro Estações. Arlei fez aniversário na quinta, 10. ● Heleide Pires Fernandes, tecnóloga agrícola, e Ricardo Zanella, engenheiro agrônomo, casaram-se na sexta-feira, 11. A cerimônia foi realizada na comunidade Divino Espírito Santo. O casal está na Cidade há 1 ano.

● Marceli Brites, biomédica, e Daniel Cassiano Motta Schwengber, empresário, casam-se neste sábado, 12 de maio. A cerimônia religiosa será realizada na chácara Ouro Branco, próximo à Cotton Placas, na BR-020. Os noivos receberão os convidados para recepção no mesmo local. Suzana Schwengber recém-chegada do Texas, preparou um jantar surpresa para a noiva na quarta-feira, 9. Estavam presentes as madrinhas e mães dos noivos.

LÚCIA Francisco, Marli Didomenico, Márcia

Winter e Ieda Oliveira.

NO BAILE DO CHOPP, no Novo Paraná: os casais Mari e Elói Schmitt e Ane Cler e Elazio Schmitt.

No domingo, 20, a partir das 9 horas, será realizado o primeiro Campeonato de Canastra de Luís Eduardo Magalhães, na sede do Lions. O objetivo é arrecadar dinheiro para a compra de cadeiras de rodas. O valor da inscrição é de R$ 50 por dupla, com almoço no local.

Aniversariantes Fabiana Minella comemorou seu aniversário na terça, 8. Sivaldo Batista Reis, proprietário da loja Azimute, e Andreia Bilck, na quinta, 10. Helena Ogrodowczyk, na sexta, 11. Ivete Joner e Adailton Costa comemoram neste sábado, 12. ■

ANDREIA BILCK

DULCILENE Castanheira Marques com a filha

Maria Luiza e Nadja Alves Gomes com a filha Gabriela.

PING-PONG ROSALI ROTHER Empresária

Por que Luís Eduardo Magalhães? Por causa da oportunidade de emprego do meu marido. Na sua vida, quais foram as chegadas mais felizes? A chegada dos meus filhos Augusto e Bruno. Qual foi o lugar mais interessante ao qual foi em 2011? Zoológico de Brasília. Por que sua profissão? Identifico-me com vendas e atendimento ao público. Qual o grande feito da sua vida? Ter a minha própria loja. Teve que superar algum obstáculo? Nenhum que tenha importância. Como você se vê em dez anos? Feliz, ao lado dos meus filhos e do meu marido. Inspiração: Meus filhos. Um dia especial: Nascimento dos meus filhos. Saudade: Do meu Rio Grande do Sul. Sonho: Viver bem. Filhos: Tudo na minha vida. Livro: Quem ama, educa! - Içami Tiba. Filme: Os pinguins do papai. Que lugares gostaria de conhecer : Alemanha. Medo: De perder as pessoas que amo. Comida preferida: Churrasco. Pessoa: Minha irmã Patrícia. Arrependimento: Não ter uma formação superior. Não Vive Sem: Chimarrão. Tecnologia: Uma necessidade em nossa vida. Futuro: A Deus pertence. Frase: “Agradeço todas as dificuldades que enfrentei; não fosse por elas, eu não teria saído do lugar. As facilidades nos impedem de caminhar. Mesmo as críticas nos auxiliam muito”. Chico Xavier Luís Eduardo Magalhães precisa de: Melhorias na infraestrutura, educação e saúde. E principalmente, no trânsito.

VALDETE Rücker, Carlos Wizard Martins e Andréia Zanini.


ESPORTES

Oeste Semanal ❒ Luís Eduardo Magalhães, 12 a 18 de maio de 2012

25

Portelinha perde e se complica Após fazer 3 a 1, equipe de Luís Eduardo permite virada e perde por 5 a 4 para Rosário LUCIANO DEMETRIUS Da Oeste Comunicação m susto no começo, a virada ainda no primeiro tempo, a vantagem ampliada no início da segunda etapa e a reação do adversário, que culminou na derrota do Portelinha. Aconteceu de tudo nos 90 minutos do jogo entre a equipe luiseduardense e o Rosário, de Barra, que venceu o duelo por 5 a 4 na tarde de domingo, 6, no Campo da Bunge. O jogo foi o de ida da terceira fase da Copa Interclubes do Além São Francisco e, neste domingo, 12, a equipe de Barra precisa apenas de um empate para ir às semifinais da competição. Para o Portelinha, resta vencer por pelo menos dois gols de diferença ou, na pior das hipóteses, vencer por um gol de vantagem e forçar a disputa da vaga na cobrança por pênaltis. Logo no início da partida, Gilberto abriu o placar a favor do Rosário, aos quatro minutos. Apesar do gol no começo do jogo, o Portelinha arrumou-se em campo e conseguiu o empate aos 16 minutos, com Pitta. Ele aproveitou a cobrança de arremesso lateral da esquerda de ataque, avançou até a área e chutou no canto inferior direito do goleiro Sérgio. O Rosário voltaria a assustar aos 20 minutos, com Totó, da meia-lua da grande área, chutando de primeira e colocando a bola no travessão de Zaroi. Aos 32 minutos foi a vez do Portelinha quase marcar. Radinho trocou passes com Nem que, da linha de fundo, chutou cruzado, porém sem força, o que facilitou a defesa de Sérgio, que espalmou para escanteio. A virada do Portelinha aconteceu aos 39

U

minutos, com Radinho. O atacante recebeu na direita de ataque e emendou cruzado, de fora da área, no canto esquerdo do goleiro. Apesar da vantagem no placar, o técnico Zelinto, do Portelinha, reclamava da desatenção de alguns jogadores em campo, seja na marcação seja na construção de jogadas. Em um lance que quase originou o segundo gol do Rosário, as críticas foram para o lateral-esquerdo Marquinhos. “Você fica conversando, não presta atenção. Olhe para a bola!”, disparou. Após uma cobrança de falta do volante Miltinho, Zelinto ameaçou substituir o jogador. “A próxima vez que cobrar desse jeito, você sai do campo”. No intervalo, o treinador continuou a expressar sua indignação com o elenco. “Estes caras não estão querendo jogar, não é possível”, desabafou. No segundo tempo, logo aos quatro minutos, Pita ampliou para 3 a 1. Radinho fez cruzamento pelo alto, da linha de fundo, do lado direito, para o artilheiro que tocou de cabeça. A bola tocou na trave e rebateu em um zagueiro do Rosário antes de entrar no canto direito do gol.

Virada. O alívio de Zelinto, porém, duraria poucos minutos. No espaço de um minuto e meio, o Rosário empatou em duas jogadas rápidas, com a colaboração da desatenção da defesa do Portelinha. Aos 11 minutos, Genilson recebeu próximo da grande área, livre de marcação, e chutou na saída de Zaroi. O goleiro pulou para o lado direito, enquanto a bola entrou no canto esquerdo do gol. Aos 11 minutos e 30 segundos, Gilberto, também livre de marcação, recebeu passe na grande

área e tocou no canto direito de Zaroi. E o que estava ruim, piorou. Aos 23 minutos, Totó aproveitou cruzamento da cobrança de escanteio e, da grande área, virou para 4 a 3. Totó voltaria a incomodar o Portelinha aos 31 minutos. Ele avançou pela direita e passou para Genilson que chutou forte, de primeira, e fez o quinto do Rosário e o seu segundo gol no jogo. O Portelinha estava tão abalado que aos 38 minutos quase leva o sexto, por meio de Gilberto, que novamente avançou livre de marcação. Zaroi salvou ao sair da área e chegar antes do atacante de Rosário, chutando a bola pela lateral.

Aos 42 minutos, o alívio para o Portelinha aconteceu no gol mais bonito da partida. Após receber passe de Júnior, Nem matou a bola no peito e, de fora da área, chutou colocado no ângulo superior direito de Sérgio. O Portelinha chegou a pressionar nos minutos finais e nos outros três de acréscimo, mas não o suficiente para criar oportunidades de gol. Ao final da partida, o técnico Zelito atribuiu a derrota à desatenção da defesa. “Houve total falta de atenção da defensiva. Não vou apontar culpados, mas o setor que mais prejudicou foi a defesa”, disse.

Juventus empata com Morada da Lua Em jogo marcado por reclamações contra a arbitragem, Juventus e Morada da Lua empataram por 1 a 1, na noite de domingo, 6, no Estádio Geraldo Pereira Silva (Geraldão), em Barreiras. Neto, aos 40 minutos do primeiro tempo, abriu o placar a favor dos juventinos, enquanto Leandro empatou, aos 46 minutos, para a equipe da casa. Apesar de atuar com dois desfalques (o zagueiro Jerrão, que cumpriu suspensão automática, e o meia Marcinho, lesionado), o Juventus atuou forte na marcação e buscou mais o gol do que o adversário. As melhores oportunidades de gol aconteceram a favor da equipe de Luís Eduardo, que conseguiu marcar no final do primeiro tempo. Porém, em um descuido de marcação, o Papão permitiu o empate do Morada da Lua já nos acrésci-

mos do primeiro tempo. O jogo de volta será neste domingo, 13, no Campo da Bunge, e quem vencer classifica-se às semifinais. Um novo empate leva a disputa da vaga para a cobrança de pênaltis. O árbitro Luciano Crisóstomo e seus assistentes Clertan da Cunha e Ernesto Rocha (trio de Riachão das Neves) foram alvo de críticas dos técnicos das duas equipes. Jéder Oliveira, do Juventus, não escondeu sua indignação com a arbitragem. “Foi vergonhoso o que o árbitro de Riachão da Neves fez conosco. Ele é fraquíssimo, tanto é que só marcava infração a favor do Morada da Lua. A Sodesf precisa se preocupar com a qualidade da arbitragem”, reclamou. No outro jogo da terceira rodada, o Sobradinho derrotou o Santo Antonio por 1×0 no Estádio Juazeirão, em Canápolis, LUCIANO DEMETRIUS

Surpresas nas semifinais da Copa JC Society Nem Juventus, nem Vento em Popa. Os finalistas da Copa JC Society 2011 estão eliminados da edição deste ano da competição que tem como semifinalistas Marabá e Asmeg, pela chave A, da primeira fase, e Santa Cruz e Milk Shake, pela chave B. Destes, apenas o Santa Cruz era indicado como um dos favoritos para a conquista do título de 2012. Já as outras três equipes que seguem na competição são as surpresas. O Santa Cruz entra na reta final com a melhor campanha (em cinco jogos, quatro vitórias, um empate e nenhuma derrota; 19 gols a favor e apenas quatro sofridos). A equipe laranja vai enfrentar o Asmeg, que tem a pior campanha entre os semifinalistas, com oito pontos em cinco jogos (duas vitórias, dois empates e uma derrota; dez gols pró e sete

contra). O confronto será neste sábado, 12, a partir das 18h, na quadra do JC Society. O outro jogo das semifinais será entre o novato Marabá (três vitórias e duas derrotas; 17 gols a favor e 15 contra) e o veterano Milk Shake (três vitórias e duas derrotas; 17 gols marcados e 12 sofridos), também neste sábado, às 19h. Os vencedores se enfrentam na decisão, no dia 19, às 19h. Nas duas últimas rodadas, disputadas no sábado, 5, e no domingo, 6, e que definiram os semifinalistas, os resultados foram os seguintes: no sábado, pela chave A, Agrovitta 5 x 2 Marabá, Roma 3 x 4 Retífica Câmera e Asmeg 3 x 2 Vento em Popa; pela chave B, Milk Shake 6 x 2 Red Bull, Young Boys 5 x 0 Galvani e Santa Cruz 2 x 1 Juventus. No domingo, pela chave A, Marabá 3 x 2 Asmeg, Agrovitta 1 x 1 Roma e a partida entre Vento em Popa e Retífica Câmera não foi realizado porque as duas equipes não compareceram para jogar. Pela chave B, Milk Shake 2 x 4 Santa Cruz, Red Bull venceu a Galvani por WO e o jogo entre Juventus e Young Boys não aconteceu devido à ausência das duas equipes. Na classificação da primeira fase, pela chave A, Marabá terminou em primeiro lugar, com nove pontos, seguido por Asmeg (oito); Agrovitta (sete); Roma (cinco) e Vento em Popa e Retífica Câmera (quatro). Na chave B, a liderança ficou com o Santa Cruz (13), seguido por Milk Shake (nove); Juventus e Young Boys (seis); Red Bull (quatro) e Galvani (três).

VENCEDORES do circuito. Alexandre Foizer, Eder Nunes, Breno Ferreira, Mara Gromann e

Euclydes Mansano.

Melhores no tênis Os tenistas de Luís Eduardo Magalhães Alexandre Foizer (masculino-A), Eder Nunes (masculino-B), Euclydes Mansano (masculino-C), Breno Ferreira (masculino-D) e Mara Gromann (feminino-A) conquistaram o título, em suas respectivas categorias, da segunda etapa do Circuito Unificado UT/Castelo/LEM de Tênis, disputado entre os dias 2 e 6 de maio, nas quadras do Horti-Frutti e do Condomínio Pedra do Sonho. Completa o quadro de vencedores a tenista Luíza Teixeira, da categoria feminina-B, de Barreiras. Alexandre Foizer derrotou Ronaldo Silva, na final, por 2 a 0 (6/4 e 7/6); na estreia, derrotou Faedo por 2 a 0 (6/4 e 6/1) e, nas semifinais, venceu Vagner também por 2 a 0 (6/2 e 6/0). Eder Nunes conquistou a masculino-B ao vencer Ciro Hanisch na decisão; antes, derrotou

Rogério por 2 a 0 (7/5 e 6/4) e Celso, pelo mesmo placar (6/3 e 6/3). Na masculino-C, Euclydes Mansano venceu Luís Reis e M. Cartaxo (7/5 e 6/4) e, na final, derrotou Ciro Hanisch. No masculino-D, Breno Ferreira superou Chico (6/0 e 6/0), Mariotti (7/5 3/6 10;6) e Linhares. No feminino-A, Mara Gromann derrotou Thaissa (6/2 e 6/4); Emanuelle (6/2 e 6/3) e Monica Nunes. No feminino-B, Luiz Teixeira foi a vencedora ao derrotar Marcia (6/0 e 6/0); Bel Busato (4/6, 6/4 e 10/6) e Ceiça Luchese. Segundo Regis Barboza, professor de tênis e organizador da etapa de Luís Eduardo, 60 tenistas participaram desta fase da competição. “É um número que mostra a evolução do tênis na região Oeste. Hoje, certamente, já temos mais de 200 praticantes da modalidade que participam de competições”, afirmou.


26

Oeste Semanal ❒ Luís Eduardo Magalhães, 12 a 18 de maio de 2012

GENTE JOVEM RAFAEL DIAS rafaeldias@diariodooeste.com.br

Tributo a Bob Marley A nação regueira do Oeste tem encontro marcado neste sábado, no Tributo a Bob Marley que acontece em Barreiras, no Cais e Porto, a partir das 22 horas. As bandas Leão do Cerrado e Chapada Roots são as contratadas para animar o evento.

Toca Raul!

DIEGO LAUCK Mariano, Camila de Souza Carvalho, Yggor Miott Cappellesso, Danielly Fernandes, Aline Silva e Daniel Luiz Kuhn.

Hola Buenos Aires! s casais Diego Lauck Mariano–Camila de Souza Carvalho, Daniel Luiz Kuhn–Aline Silva e Yggor Miott Cappellesso–Danielly Fernandes passaram férias em Buenos Aires. Os casais aproveitaram a recepção calorosa dos argentinos e conheceram diversas atrações, como a Casa Rosada, sede da presidência federal argentina; o Estádio de La Bombonera, no qual joga o time argentino Club Atlético Boca Juniors; a Rua El Caminito, considerada um museu a céu aberto, de grande valor cultural, localizada no bairro de El Boca; e ainda a casa de shows “Señor Tango”, onde há apresentações de tango e comida tradicional argentina. O retorno dos casais à Cidade foi na terça-feira, 8.

O

Baile do Chopp

Em Brasília II

Aconteceu no último final de semana um dos maiores bailes da região Oeste, o Baile do Chopp, no Novo Paraná. O evento reuniu centenas de pessoas, que, sem medo, enfrentam os 25 quilômetros para chegar ao local. Esse ano a festa foi animado pela Banda Orquestra Continental, de Santa Catarina, que tocou músicas gaúchas e alemãs. Animação e chopp não faltaram no baile, que terminou com os primeiros raios de sol.

Bruno Lauck também esteve em Brasília no último final de semana. Ele foi especialmente para o show da banda Los Hermanos, que voltou à ativa no mês passado, depois de longo período longe dos palcos. A turnê, que passará por 12 cidades no total, é em comemoração aos 15 anos da banda. O show aconteceu no estacionamento do Ginásio Nilson Nelson, no sábado, 5, e teve aproximadamente dez mil pessoas na plateia. No repertório, além de seus maiores sucessos, a banda fez o cover de “Tempo Perdido”, da Legião Urbana.

Em Brasília I Paulo Victor Otim e a namorada Laetitia Tannús estiveram em Brasília para participar da Calourada Brasília 2012, considerada uma das maiores do Distrito Federal. O evento aconteceu no estacionamento do Ginásio Nilson Nelson, no último dia 28. Entre as atrações estavam o grupo Teatro Mágico e o cantor Sergio Loroza. O grupo é a grande atração por onde passa, levando sempre uma multidão para acompanhar suas poesias em forma de música. Quem ainda não conhece, vale a pena conferir.

NO BAILE DO CHOPP. Marcos Serrer e

Jéssica Carvalho...

Mais uma opção

A cidade de Barreiras vai estar agitada nesse final de semana. No Buteco Crioula a atração da noite, no sábado, 12, vai ser Eli Pinto, cover oficial de Raul Seixas. Além dos covers do Raulzito, a noite terá ainda a banda Capitão Caverna, que tocará covers da banda Titãs, no formato acústico. Uma bela opção para quem gosta de Raul e Titãs.

Organic 12 anos A 12ª edição da festa Organic acontece neste sábado, 12. Trata-se de um evento que cresce junto com a Cidade. Os moradores mais antigos, que se lembram das primeiras edições do evento, sabem como a Organic evolui a cada ano que passa. Nesta edição, a Organic acontece no Avenida Quatro Estações. Quatro DJs animarão a festa, entre eles Alex Ms, Kamila Lopes, Marquinhos Espinosa e Lethal. Um lead line de grande porte para quem gosta de música eletrônica.

Saint Louis, na sexta, 25, a partir das 20 horas. Os ingressos, à venda no hotel, custam R$ 250 (mesas para quatro pessoas) e R$ 30 (cadeiras).

8À Costelão O 8° Costelão da Maçonaria aconteceu no último domingo, 6. O evento contou com quase 2800 pessoas, deixando completamente cheio o espaço da Gruta Nossa Senhora Aparecida. O costelão foi organizado pelas três lojas maçônicas da Cidade. A a renda do evento será revertida a instituições de caridade e destinada a melhorias das instalações das maçonarias da Cidade.

Aniversariantes Aniversariantes da semana foram: na segunda, 7, Bruna Patel, Luciane Glowastzky e Karine Reis; na terça, 8, Juliana Elsneer; na quarta, 9, Hely Cecilia Vizzotto, Thubias Geovane Missio e Priscilla Mendes da Rocha; na quinta, 10, Luciana Alcântara, Adaiane Bordin, Felipe Zarpelon, Marcia Rambo, Katia Lucas e Andriele Gioti; na sexta, 11, Adriele Oliveira, Aline Fabiana e Bruna Mendes. No domingo comemoram Monique Maciel, Marceli Brites e Danielli Takamatsu. ■

Aprovado Renan Caino recebeu uma boa notícia na última semana. Ele foi aprovado no exame da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB). Quando saiu o resultado da segunda fase, no mês de abril, Renan não estava aprovado. Mas como em todas as provas do exame, o aluno que não concordar com o resultado pode entrar com um recurso e pedir uma nova correção da prova. Assim, depois da nova correção, Renan foi aprovado. A comemoração pela aprovação aconteceu em sua residência. Renan reuniu amigos e familiares e fez uma festa digna da aprovação.

DANIELE TAKAMATSU MARCELI BRITES

Foi inaugurado no último final de semana o Kart Indoor em Luís Eduardo. No local podem ser alugados Karts preparados e prontos para uso na pista, devidamente segura para quem nunca pilotou um kart antes. O Kart Indoor está localizado no Condomínio Pedra do Sonho, nos fundos do Clube Rio de Pedras, no Jardim Paraíso. O aluguel dos karts é cobrado por tempo, que varia de 10 minutos a uma hora. Uma opção a mais para o final de semana.

Pela primeira vez na Cidade acontecerá o Marte Comedians. O evento trará a Luís Eduardo a Cia de Comédia 7 Belo, que apresentará a peça “Stand Up ao quadrado”, e a banda Daros, de Brasília, para fará apresentação acústica. O evento acontece no Hotel

KATIA LUCAS

...CAROL Redlich e David Franke...

...VIVIANA Wunsch, Thiago Frantz, Leticia Neunfeld e Icaro Deuschle.

Tannús.

Marte Comedians

EM BRASÍLIA. Paulo Victor Otim e Laetitia


27

Oeste Semanal ❒ Luís Eduardo Magalhães, 12 a 18 de maio de 2012

L I N H A S D E ATA Q U E LUCIANO DEMETRIUS lucianodemetrius@diariodooeste.com.br

Sudoeste de Futsal A

seleção de futsal masculino de Luís Eduardo Magalhães enfrenta neste sábado, 12, às 16h, a equipe Filhos da Tiririca, de Itiruçu, pela primeira rodada da 7ª Zonal (fase final) do 10º Campeonato do Sudoeste. Esta etapa da competição será disputada em Palmas de Monte Alto e vai classificar duas equipes para a fase decisiva, dias 18 e 19, em Vitória da Conquista. Se vencer na estreia, a seleção de Luís Eduardo enfrenta a de Palmas de Monte Alto no domingo, 13, às 11h. Porém, em caso de derrota ou empate no primeiro jogo, os luiseduardenses jogam contra Palmas de Monte Alto ainda neste sábado, às 21h. Também participam desta fase as equipes Banca Real (Barra do Choça) e Gavião (Anagé) e a seleção de Cariranha. Luís Eduardo Magalhães garantiu sua participação na 7ª Zonal ao conquistar o título da 4ª Zonal, em Ibicoara, em abril.

Intermunicipal do Oeste Estão abertas desde segunda-feira, 7, as inscrições para o Campeonato Intermunicipal de Seleções da Região Oeste. Segundo a Sociedade Desportiva do São Franciso (Sodesf ), a competição será disputada a partir do segundo semestre. Em 2011, a seleção de Luís Eduardo Magalhães foi eliminada por Barreiras, nas quartas de final. Na primeira edição, em 2010, São Félix do Coribe conquistou o título. Em 2011, a campeã foi a seleção de Paratinga.

Fora de campo A Liga Desportiva de Luís Eduardo Magalhães, adiantou ser quase certo que a seleção luiseduardense não participará do Intermunicipal de Seleções do Oeste. A intenção é disputar o Campeonato Intermunicipal, promovido pela Federação Baiana de Futebol (FBF), que será realizado no mesmo período. Os dirigentes da Liga argumentam que a visibilidade na competição estadual é bem maior que no campeonato regional.

Mountain Bike O ciclista Fausto Gonçalves de Oliveira, de Luís Eduardo Magalhães, terminou em 29º lugar (tempo de 1h24min4s) na categoria sub-30 da Copa Internacional de Mountain Bike, em São Lourenço (MG), em prova disputada no domingo, 6. O vencedor desta categoria foi Caio Melo e Silva Paixão, de Bom Despacho (MG).

Torcida contra “Tem muita gente daqui de Luís Eduardo Magalhães que vem torcer contra as equipes locais. Basta ir para outras cidades do

interior da Bahia e você percebe o quanto as equipes locais são amadas por sua população. Não entendo por que tanta desunião em nossa Cidade”, desabafou o preparador físico Francisco Brito Júnior (Faixa), do Portelinha, após o jogo em que sua equipe perdeu para o Rosário (de Barra), por 5 a 4, no domingo, 6, no Campo da Bunge.

Basquete A seleção masculina de basquete de Luís Eduardo Magalhães enfrenta neste sábado, 12, a equipe do Robe Bele, pela 7ª rodada (2ª rodada do returno) do Campeonato Barreirense de Basquete. O jogo será às 16h30, na quadra do Colégio Enigma. Nos outros jogos da competição, São Desidério enfrenta a Fasb (15h) e Jussama x Devassos (18h).

Teste A seleção de futebol de Luís Eduardo Magalhães derrotou por 3 a 0, no sábado, 5, a seleção de Posse (GO), em jogo disputado no Estádio Municipal de Posse. Bebeto marcou duas vezes e Francisco fez o outro gol da vitória no amistoso.

Além da conta O assistente técnico do Portelinha, Reginildo França (Régis), disse à coluna durante o jogo de sua equipe contra o Rosário, no domingo, 6, no Campo da Bunge, que cerca de 250 espectadores assistiam à partida. A coluna contou aproximadamente 120 torcedores. “Certamente ele (Régis) incluiu na contagem os jogadores, trio de arbitragem, banco de reservas e os frequentadores do clube da Bunge que estavam na área de lazer”, brincou o quarto árbitro Fábio Júnior Medeiros.

BATE-BOLA LUCIANO DEMETRIUS

A história da capoeira em Luís Eduardo Magalhães será contada em livro por Gean Medeiros. Capoeirista “desde quando nasceu”, segundo ele, em referência aos pais que se conheceram praticando capoeira em Irecê, o jovem de 28 anos, que durante o dia é funcionário público, vai lançar, em setembro, o livro “Além da Capoeira”. O lançamento será durante o Encontro Nacional de Capoeira, em Luís Eduardo Magalhães. “O livro é um registro da história da capoeira na região, desde a sua introdução feita pelo mestre Carlinhos, contando a história da prática na Cidade e o trabalho social desenvolvido há mais de 20 anos”, afirma. Como foi seu início na capoeira? Posso dizer que comecei a praticar capoeira desde quando nasci (risos). Eu digo isso porque meus pais se conheceram jogando capoeira, em Irecê. Então, desde meus primeiros anos de vida fui estimulado por eles a seguir na capoeira. Você está há quanto tempo em Luís Eduardo Magalhães? Qual é a história da capoeira na Cidade? Estou aqui há 12 anos. Cheguei justamente no ano que Luís Eduardo Magalhães foi emancipada. Por aqui, já havia o mestre Carlinhos desenvolvendo um trabalho social, de ensino da capoeira principalmente às crianças carentes. Portanto, não foi difícil de eu me adaptar e de divulgar a capoeira na Cidade. Tão logo cheguei, já me integrei à Associação Capoeira Ginga Brasil, fundada pelo mestre Carlinhos. Pouquíssimas pessoas sabem, mas os capoeiristas colaboraram com a segurança de um evento da Cidade quando aqui não havia policiamento. Foi no dia da instalação do busto de Luís Eduardo Magalhães, na praça em frente à prefeitura, em 2000. Uma equipe do mestre Carlinhos ficou responsável por toda a segurança naquela ocasião. Quais os temas abordados em seu livro? Comecei a escrever o livro há quatro anos. Resolvi focar na história do mestre Carlinhos, na dedicação dele com a capoeira, no trabalho social que ele desenvolve na região. Também é mostrada a amplitude da capoeira. Ela é uma arte, é esporte, é dança, valoriza a expressão corporal, busca a socialização e pode ser praticada por pessoas de qualquer faixa etária. Quero mostrar aos praticantes e, principalmente, aos não praticantes, os benefícios que a capoeira é capaz. Pretendo derrubar o preconceito que ainda existe em relação a esta prática. De que forma ainda existe o preconceito, mesmo sendo praticado na Bahia?

Ainda há uma resistência, aqui mesmo em nosso Estado, que é o berço da capoeira. Existe um preconceito pela história da capoeira, que teve início com os escravos e também porque, antigamente, só as pessoas das GEAN MEDEIROS classes menos favorecidas a praticavam. A resistência existe em Luís Eduardo Magalhães? Felizmente, não. Lembro que em 2000, em um evento comemorativo à emancipação do município, o Centro de Tradições Gaúchas Sinuelo dos Gerais se integrou com o Grupo Ginga Brasil para uma apresentação. Conseguimos quebrar um tabu logo no início da criação da Cidade. Houve dificuldades para obter patrocínio ao livro? Ainda não busquei parceiros para patrocinar o livro. Mas, se levar em conta o apoio que existe para a realização de eventos, certamente não terei problemas. Isso porque o comércio da Cidade é generoso, sempre nos deu apoio nos eventos que realizamos. Desde 2006 promovemos eventos de grande porte em Luís Eduardo e sempre recebemos patrocínios da iniciativa privada. E vale ressaltar que não é apenas no suporte financeiro, mas também no oferecimento da estrutura dos locais para a prática da capoeira nos eventos. Seu livro é o primeiro que registra a capoeira na região Oeste? Não. Há alguns anos, não sei com exatidão, o mestre Zé Maria, de Barreiras, lançou o livro Cultura Capoeirística. É um trabalho que me serviu como referência. O “Além da Capoeira” será lançado mesmo sem patrocínio? Sem dúvida, mesmo porque já temos data para lançamento. Se eu não conseguir patrocínio, vou publicá-lo de maneira independente. O livro é uma forma de expressar o trabalho social desenvolvido pelo Ginga Brasil para alunos dos bairros Santa Cruz, Jardim das Acácias, Mimoso 2 e Centro, além da Vila 2, do Assentamento Rio de Ondas. É um presente aos mestres e praticantes de toda região. Quero mostrar, em cerca de 60 páginas, a força que a capoeira tem na região Oeste e, principalmente, em Luís Eduardo Magalhães.

PROMOÇÃO ARGAMASSA PRECON AC I CINZA DE 20KG

jaumat.const@hotmail.com

VALOR: R$ 7,20 À VISTA

Estaduais

Patrocínio

Segundo a coluna, Santos (Paulista) e Avaí (Catarinense) já podem dar o grito de campeão. No Carioca, Botafogo reverte a vantagem do Fluminense. Também levam a taça Internacional (Gaúcho), Coritiba (Paranaense), América (Mineiro), Sport (Pernambucano), Vitória (Baiano), Ceará (Cearense) e ASA (Alagoano).

Desportistas locais se agilizam junto a empresários para buscar patrocínios cujos valores possibilitem a vinda de atletas contratados de outros Estados. Nos projetos estão inclusos salários dos atletas, aquisição de uniformes e divulgação na mídia. A intenção, argumentam os desportistas, é fugir das amarras do poder público. ■


28

Oeste Semanal ❒ Luís Eduardo Magalhães, 12 a 18 de maio de 2012

Oeste Semanal Edição 62  

Oeste Semanal Edição 62

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you