Page 1

Diário

de Petrópolis

Site: www.diariodepetropolis.com.br

56 anos

E-mail: redacao@diariodepetropolis.com.br

Preço do exemplar: R$ 1,20

Nº 15.855 - Quarta-feira, 25 de maio de 2011

prf

Divulgação

IOF volta a ter incidência nas operações de renda fixa

Reativação de posto só depende de reforma Divulgação

Os resgates nas operações de renda fixa com prazo de até 30 dias voltarão a ter incidência do IOF a partir de hoje. A informação é do o subsecretário de Tributação e Contenciosos da Receita Federal, Sandro Vargas Serpa (foto). (Página 8)

PCCS deverá chegar à Câmara na segunda A prefeitura e o secretário de Educação, William Campos, não confirmam a informação, mas a expectativa é que o Plano de Cargos, Carreiras e Salários dos servidores da educação seja entregue à Câmara na próxima segunda. (Página 3)

O entendimento pela reativação do posto foi fechado em reunião entre os parlamentares e o superintendente da PRF no estado, Antônio Vital Fotos: Alan Alonso

TRE expande centrais de atendimento ao eleitor

Saúde abre processo seletivo para médicos

bairros

Os cinco postos que apresentaram valor menor reduziram em média R$ 0,10 na gasolina e R$ 0,20 no etanol.

Obra causa lentidão no trânsito da Serra

Bairros, página 9)

Nesta edição

O trânsito ficou em meia pista causando congestionamento na rodovia

Página 3

Um serviço de recuperação do pavimento da via, na altura do Km 82 da BR-040, deixou o trecho, próximo ao Pórtico do Quitandinha, parcialmente interditado na tarde de ontem. Apenas uma faixa da pista sentido Juiz de Fora estava liberada para os veículos, exigindo atenção redobrada dos motoristas. Com isso, uma longa fila de veículos se formou e o trânsito apresentou lentidão na subida da Serra de Petrópolis. Já no km 72, a transportadora responsável por um caminhão que tombou ontem realizou o transbordo da carga de cimento. (Página 5)

A Fundação Municipal de Saúde publicou na edição do Diário Oficial (D.O) do dia 14, o edital do processo de seleção para contratação temporária de médicos para atendimentos de urgência e emergência, em regime de plantão, nos hospitais municipais e para os Postos de Saúde da Família (PSF). Serão abertas ao total 56 vagas para diversas especialidades médicas. (Página 7)

agenda Hoje, às 20h, o Cinema 360° realizará uma ocupação audiovisual na Galeria do Edifício Profissional, onde funcionava o Theatro Cassino Fluminense que realizou a 1ª exibição de filmes feitos no Brasil,ocorrida em 1897. Serão exibidas obras do Cinema Experimental, VideoArt, Poesia Visual, Animação das mais variadas épocas. A entrada é franca. (Página 6)

esportes

Dora Kramer

Queda nos preços dos combustíveis

A previsão do ministro de Minas e Energia, Edison Lobão, de que o preço dos combustíveis começaria a baixar, finalmente se concretizou na cidade. Dos nove postos pesquisados pela reportagem do Diário de Petrópolis, ontem, cinco deles registraram queda nos preços do etanol e da gasolina, enquanto os outro quatro mantiveram os preços estáveis em relação a última apuração, realizada no dia 12 de maio. (Página 7)

A e x p a n s ã o das Centrais de Atendimento ao Eleitor (CAE) a outros municípios do Estado é uma das metas do presidente do TRER J , d e s e m b a rg a d o r L u i z Z v e i t e r, p a r a os próximos dois anos. (Página 5) A terapia shiatsu foi a atração de sábado na tarde de assistência social realizada pela Entidade Filosófica dos Anjos. Voluntários e diretores da entidade tiraram pressão, mediram glicose e promoveram trabalhos de saúde odontológicos que mobilizou dezenas de moradores do Condomínio Residencial Augusto Zanata, no Carangola. (Diário nos

O deputado estadual Bernardo Rossi (PMDB) e o vereador Paulo Igor (PMDB) se reuniram ontem com o superintendente da Polícia Rodoviária Federal no estado, Antônio Vital de Moraes Júnior, que informou que a reativação do posto da PRF na BR-040, altura do Belvedere, depende apenas de reformas que serão iniciadas na próxima segunda-feira. Enquanto isso, o policiamento será intensificado com a circulação de viaturas nos 18 quilômetros de subida da Serra e nos outros 20 de descida. (Página 5)

Dentro de 40 dias o Petropolitano estará completando 100 anos de fundação. Devido a data próxima, a diretoria do alvinegro intensificou os trabalhos para realização das festas comemorativas ao centenário. O aniversário é no dia 4 de julho. (Página 10)

Alunos da educação infantil receberam os diplomas de formandos

Proerd forma 1ª turma de educação infantil A primeira formatura para crianças da educação infantil, da rede municipal de ensino, pelo Programa Educacional de Resistência às Drogas – Proerd – da Polícia Militar, aconteceu na tarde de ontem, no Theatro Dom Pedro. Os alunos do 1º e 2º anos do ensino fundamental também receberam certificados. Nesta primeira etapa do 1º semestre de 2011, 17 escolas participaram do programa, com um total de 30 turmas e 610 alunos. Os formandos receberam um kit, fornecido pela Prefeitura de Petrópolis, contendo camisa e boné. (Página 5)


2

56 anos

DIÁRIO DE PETRÓPOLIS

A "espertocracia" educacional

O mérito, as cotas e o racismo n Demóstenes

n

Gaudêncio Torquato

M

achado de Assis, mulato, gago e epilético, um dos maiores ilustrados e respeitados cultores da língua pátria, conseguiu de forma exemplar unir o erudito ao popular. Em seus irretocáveis escritos, ensinava que a democracia deixa de ser uma coisa sagrada quando se transforma em “espertocracia”, o governo de todos os feitios e de todas as formas”. Já de Rui Barbosa, pequena estatura, advogado, diplomata, político e jornalista, cujo nome está inscrito nos anais da história do Direito internacional, pode-se extrair uma singela lição de seu celebrado patrimônio intelectual: “a musa da gramática não conhece entranhas”. Pois bem, esses dois curtos arremates dos renomados mestres de nossa língua escrita e falada vêm a calhar nesse momento em que a perplexidade assoma ante a barbaridade patrocinada pelo Ministério da Educação, sob a forma de uma “nova gramática”, cuja autora assim ensina: “os livro ilustrado mais interessante estão emprestado”, como frase adequada à linguagem oral, está correta ao ser usada em certos contextos. Para o grande Rui, a letra da gramática não entra em curvas e evita estratagemas. Já o aforista Machado puxa a orelha dos “espertocratas”, aqueles que bagunçam ao escrever da forma como falam, usando todos os feitios e formas. E arremata de maneira cortante: “a primeira condição de quem escreve é não aborrecer”. Aborrecimento é o que não falta, quando vemos “sábios pareceristas”, contratados pelo MEC, exibindo o argumento: seja na forma “nós pega o peixe” ou na forma “nós pegamos o peixe” -, o pescado estará na rede. Se assim é, ambas estão corretas. Para dar mais voltas no quarteirão da polêmica, a Pasta da Educação alega que não é o Ministério da Verdade. Donde se conclui que um doidivanas qualquer, desses que se encontram no feirão das ofertas gramaticais estapafúrdias, pode vir a propor um texto sobre a história do Brasil, sem nexo, com figurantes trocados e português estropiado. Basta que receba o “imprimatur” de outra figura extravagante, que seja docente de língua portuguesa, para ser adotado nas Escolas. Com esse arranjo, o pacote educacional tem condições de receber o endosso da instância mais alta da Educação no país para circular nas salas de aula. Esse é o caminho percorrido pelo acervo didático que faz a cabeça da estudantada. Analisemos as questões suscitadas pela obra “Por uma Vida Melhor”, a começar pela indagação filosófica que se pinça do título da série. Terá uma vida melhor o estudante a quem se obriga a aprender em uma gramática alternativa, onde a “norma popular” se imbrica à “norma culta”? Ou, para usar a expressão da professora Heloisa Ramos, autora do livro, sofrem os alunos que escrevem errado “preconceito linguístico”? Primeiro, é oportuno lembrar que, mesmo concordando com a hipótese de que a língua é um organismo vivo, evolutivo, não se pode confundir uma coisa com outra, a norma oral com a norma escrita. Cada compartimento deve ser posto em seu devido lugar. Quem troca uma por outra ou as junta na mesma gaveta gramatical o faz por alguma intenção, algo que ultrapassa as fronteiras lingüísticas. E é nesse campo que surgem os atores, aqui cognominados de doidivanas. Mais parece um grupo que considera a língua instrumento para administrar preconceitos, elevar a cidadania e o estado de espírito dos menos instruídos. Como se pode aduzir, embute-se na questão um viés ideológico, coisa que vem se desenvolvendo no país na esteira de um populismo embalado com o celofane da demagogia. Ora, os desprotegidos, os semi-analfabetos, os alfabetos funcionais, enfim, as massas ignaras não serão elevadas aos andares elevados da pirâmide se a elas for dada apenas a escada do pseudo nivelamento das regras da língua. Esta é, seguramente, um meio de ascensão social. Mas, seus usuários precisam entender que a chave do elevador social está guardada nos cofres normativos. Da mesma forma, as vestimentas, os modos e costumes, a teia de amigos, as referências profissionais são motores da escalada social. Por que, então, os doidivanas da cultura e da educação investem com tanta força para elevar a norma popular da língua ao patamar da norma culta? Não entendem que são objetos diferentes? Por que tanto esforço para defender uma feição que valida erros grosseiros? Não há outra resposta: ideologização. Imaginam o uso da língua como arma revolucionária. O sentimento que inspira os cultores da ignorância só pode ser o de que, para melhorar a auto-estima e ter uma vida melhor, a população menos alfabetizada pode escrever como fala. Como se a gramática normativa devesse ser arquivada para dar lugar à gramática descritiva. Sob essa abordagem, a prática de tomar sopa fazendo barulho com a boca, à moda dos nossos bisavós, também poderia ser recomendável. As concessões demagógicas que se fazem em nome de uma “educação democrática” apenas reforçam a estrutura do atraso que abriga o ensino público básico do país, responsável pelo analfabetismo funcional que atinge um terço da população. Avolumam-se os contingentes de jovens de 9 a 14 anos que, além de não saberem interpretar um texto, restringem-se ao exercício de copiar palavras sem se apropriar de seu significado. Os copistas constituem os batalhões avançados da “revolução” empreendida pela educação brasileira. Pior é constatar que os “revolucionários” crêem firmemente que a escalada social deve continuar a ser puxada pela carroça do século XVII, fechando os olhos à “mobralização” da universidade brasileira. E assim, passada a primeira década do século XXI, no auge das mudanças tecnológicas que cercam a Era da Informação, emerge um processo de embrutecimento do tecido social. Alicerçado pela argamassa de escândalos, desprezo às leis, violência desmesurada, promessas não cumpridas. O grande Rui bem que profetizara: “a degeneração de um povo, de uma Nação ou raça começa pelo desvirtuamento da própria língua”. n Jornalista, professor titular da USP e consultor político e de

comunicação @Twitter gaudtorquato. Fonte, Blog do Noblat.

QUARTA-feira, 25 de maio de 2011

Torres

E

m audiência no STF, defendi as cotas sociais, em vez das raciais, para a ação afirmativa atender a quem dela precisa: os pobres de todas as cores. O reitor da Faculdade Zumbi dos Palmares, José Vicente, me acusa de um delito, o racismo, que teria sido cometido em audiência no Supremo Tribunal Federal, em 2010. Nela, defendi as cotas sociais, em vez das raciais, para a ação afirmativa atender a quem realmente precisa: os pobres de todas as cores. Em nenhum trecho falei o que Vicente alega em artigo publicado nesta Folha no dia 19 de abril (“É o racismo, estúpidos!”, “Tendências/Debates”). Naquele e em outros debates sobre cotas me vali das ciências, como a biologia e a história. Citei dados para embasar afirmações como a de que só existe uma raça, a humana. Nas vagas de cotas, qual critério usar? A cor da pele? Pesquisa do projeto

Raízes Afro-brasileiras mostrou que os genes do sambista Neguinho da Beija-Flor são 67,1% europeus e 31,5% africanos. O país inteiro é assim. O sangue é tão misturado que um laboratório é incapaz de identificar a coloração da epiderme que picou para extraí-lo. Só sabe que foi bombeado por um coração brasileiro. Há filhos do mesmo pai, da mesma mãe, em que um é negro e o outro é branco. Gêmeos idênticos, cor de pele igual, foram divididos por universidade cotista: “Esse é negro, esse é branco”. É a diversidade de um país que celebra Pelé e Clarice Lispector, Machado de Assis e Patrícia Pillar. Isso acabou evitando, no texto de que fui relator e do qual resultou o Estatuto da Igualdade Racial, a implantação de uma guerra que o povo nunca travou. Ao contrário. A legislação, ao longo dos anos, tem sido implacável com o racismo. No artigo, Vicente me acusa de “destilar em praça pública os venenos que reservava para ambientes privados”. Membros de ONGs acreditaram na matéria e a distribuíram via

e-mail e em sites, blogs e perfis nas redes sociais. Começou com premissa não checada por um reitor, e o efeito viral tornou um parlamentar o racista da vez. Quem, então, “destila veneno”? O rosário vai do jogador Roberto Carlos aos brutamontes que brigam em estacionamento. O propósito da colagem de manchetes é dar a impressão de que a apologia ao mérito tem o efeito de formar gangues. E sou eu o acusado de usar “retórica dissimulada”. Ao abrir, do alto do prestígio do jornal e da massificação da internet, o travesseiro com as penas das inverdades, Vicente me obriga a recolhê-las, uma a uma, como no tradicional exemplo dos crimes contra a honra. E sou eu quem “faz mau uso do direito de expressão pra fins pessoais inconfessáveis”. Nos comentários dos leitores virtuais, sobraram xingamentos raivosos. E sou eu quem “fomenta, de modo irresponsável, o ódio racial”. Os dados sem checagem o fizeram errar nome de congressista (confunde

o deputadoJúlio Campos com o senador Jayme Campos) e enxergar ligação entre a defesa do mérito e a “perseguição, a agressão e a eliminação de negros, de judeus e de homossexuais”. Não há qualquer relação com esses absurdos. O que celebrei foi o painel multicor que torna tão belo e rico este Brasil heterogêneo. A intolerância se disfarça dos mais nobres sentimentos, nutre-se do senso comum e, espalhando-se pelo politicamente correto, “tateia sutilmente pelas frestas e se mistura sinuosamente com naturalidade cotidiana”. A saída é a educação. Inclusive na Zumbi, mas quando se trabalhar para tirá-la do 1.568º lugar entre as faculdades e da nota 2 no índice de cursos. Melhorar dá trabalho, mas é mais eficiente que achincalhar honra, crime que devemos “repudiar e combater sem trégua e sem piedade, sem diminuí-lo e sem ignorá-lo”, exatamente como agimos nos casos de racismo. n Procurador de Justiça e senador, Democratas-Goiás

Novo Código Florestal e as cidades n Fernando

Marroni

A

pesar de todas as discussões e repercussões na mídia, o projeto para o novo Código Florestal Brasileiro permanece distante do foco de interesse da maior parte da população. Em parte isso é decorrência do desconhecimento dos efeitos que este conjunto de leis terá sobre a vida das populações urbanas. Polarizadas entre ruralistas e ambientalistas as discussões, em torno da legislação, mantém os moradores das cidades desinteressados no tema. O impacto do novo Código sobre as cidades, contudo, será profundo e afetará a vida de milhões de pessoas. O ponto central disso reside no estabelecimento de regras específi-

cas para o uso e ocupação das áreas de preservação permanente, as APPs, especialmente aquelas localizadas em zonas costeiras (próximas a rios, praias e todo tipo de curso d’água) e nas encostas das serras. Este regramento deve surgir como uma ferramenta extra ao Estado no combate à práticas nocivas e predatórias da especulação imobiliária pelas quais muitos empreendimentos avançam sobre o patrimônio natural das cidades, sem qualquer controle, em um franco desrespeito ao meio ambiente e à segurança das populações. Recentemente o Ministério do Meio Ambiente divulgou uma série de estudos que alertam para o fato de que se o atual Código Florestal tivesse sido observado - e cumprido à risca - os danos causados

pelos deslizamentos registrados no início do ano na região serrana do Rio de Janeiro teriam sido infinitamente menores. Paralelo a isso, pesquisas divulgadas pela Organização das Nações Unidas (ONU) alertam para o fato de que em 2050, devido ao aquecimento global, o nível dos oceanos deverá subir aproximadamente um metro, afetando milhões de pessoas que atualmente vivem em áreas ribeirinhas e costeiras ao redor do planeta. Estas constatações incutem ao futuro Código a missão de ser uma legislação capaz de impedir o surgimento de ocupações urbanas em áreas de preservação evitando a reprise de eventos igualmente trágicos. Neste ponto surge, como discussão igualmen-

te importante, o destino das áreas consolidadas, ou seja, aquela pousada construída na encosta da montanha ou sobre o rio, como fica? O que será feito com aquele loteamento em área agora considerada de proteção ambiental? Como as prefeituras deverão proceder com relação às ocupações em áreas ribeirinhas? Quem, e como, será responsabilizado por isso? Essas são apenas algumas das questões que, obrigatoriamente, devem ser respondidas pelo novo Código Florestal e, que interessam diretamente os habitantes das cidades brasileiras, que de modo algum podem continuar a margem ou como meros espectadores dessa discussão. n Deputado federal (PT-RS)

Obama: o anúncio de uma virada n Horta

O

pronunciamento do dia 19 deste mês feito por Obama no Departamento de Estado, marca a mudança tão aguardada das relações internacionais capitaneadas pelos EUA, e atende às expectativas mundiais que nasceram com sua eleição para a presidência americana. Preconiza a via diplomática e a compreensão com os movimentos sociais que lutam por melhores dias e por mudanças nos governos que eventualmente não cumpram com seus deveres

de garantir as liberdades individuais e coletivas, impedindo o avanço do progresso social; fala diversas vezes no direito dos jovens e na importância de sua participação na vida pública; fala também sobre os direitos das mulheres de ter suas vozes ouvidas e participar da vida política e até mesmo ascender ao cargo máximo de presidir seus países, como aliás, vem acontecendo em diversas nações, inclusive no Brasil e Argentina. Ele reconhece o direito do cidadão comum expor suas idéias e seus pleitos, de realizar seus anseios pessoais e familiares, de lutar democraticamente para garantir seu direito de traba-

Diretor-Presidente e Jornalista responsável: Paulo Antônio Carneiro Dias Editora interina: Jaqueline Gomes

D

lhar e prover a alimentação sua e de seus familiares; defende a ação dos cidadãos de empreender atividades em todos os setores econômicos, dando ênfase à participação dos jovens para os quais é imprescindível abrir caminhos e oportunidades. Enfoca a mudança de atitude americana em suas relações internacionais para priorizar os negócios, os financiamentos, a geração de empregos, reafirmando que o apoio dos EUA terá como meta cooperar para a estabilidade financeira, a promoção de reformas quando necessárias e a integração dos mercados dentro da economia global, referindo-se a países em crise ou

iário de Petrópolis 56 anos

Uma publicação da PJ Editora e Gráfica e Jornalística Ltda

Preço do Exemplar 3ª a sábado R$ 1,20 Domingo R$ 1,80 Atrasado R$ 2,50

Assinatura Trimestral Petrópolis R$ 80,00 Rio e outros R$ 160,00

Assinatura Mensal Petrópolis R$ 28,00 Rio e outros R$ 56,00

Assinatura Semestral Petrópolis R$ 152,00 Rio e outros R$ 304,00

que estejam em tempos de transição. É a substancial mudança visando manter prioritariamente o enfoque diplomático em um relacionamento pacífico que respeite a autodeterminação dos povos, começando pelo respeito ao indivíduo. Lembrou o sacrifício, vale dizer de vidas e dinheiro, para sustentar em uma década duas guerras. É a esperada aplicação da diplomacia e do entendimento ao invés da atitude bélica, e termina na afirmação: “Sustentamos que estas verdades são evidentes e que todos os homens são criados iguais”. n Bacharel em Direito Site: www.diariodepetropolis.com.br

E-mail: redacao@diariodepetropolis.com.br

Diretoria 2246-3807 Assinatura 2246-3807 Publicidade 2237-7849 Classificado 2246-3807 Redação 2235-7165

Rua Joaquim Moreira 106 Centro - Petrópolis - RJ Cep 25.600-000 CNPJ 02.424.864/0001-66

ABRAJORI - ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DOS JORNAIS DO INTERIOR

As opiniões emitidas em artigos assinados não representam, necessariamente, o pensamento do jornal e são de inteira responsabilidade de seus autores. Da mesma forma, as informações e opiniões nas colunas são de responsabilidade de seus titulares.


DORA KRAMER Mera maquiagem

É

de praxe: sempre que estoura um escândalo ou surge uma desconfiança de caráter ético envolvendo políticos, defende-se a reforma política como a solução de todos os males. Semana passada ficou pronta e começa agora a tramitar no Senado a proposta de reforma com 7 emendas à Constituição e quatro projetos de lei. Nenhuma das sugestões vai ao centro das questões, nenhuma delas propõe mudanças realmente capazes de corrigir velhas práticas e extinguir antigos vícios. A emenda sobre suplentes de senador reduz de dois para um o substituto, proíbe que seja cônjuge ou parente até segundo grau do titular, mas mantém a de-

56 anos

DIÁRIO DE PETRÓPOLIS

QUARTA-FEIRA, 25 DE MAIO DE 2011

formação de origem: a existência do senador sem voto. A proposta de mudança da data da posse de eleitos, transferindo de 1.º de janeiro para 15 de janeiro a posse do presidente e para 10 de janeiro a de governadores e prefeitos, corrige um equívoco da constituinte de 1988, mas é só. Bem como não mexe em nenhuma essência o fim da reeleição. Apesar das alegações moralizantes sobre o uso da máquina, não impede o abuso. Se o governante quiser exorbitar do poder em favor de um aliado o fará, como de resto fez Lula em prol da candidatura de Dilma Rousseff. Igualmente anódinas são as sugestões que põem fim às co-

ligações partidárias nas eleições proporcionais e permitem o registro de candidaturas avulsas em eleições municipais, independente de filiação partidária. No que se refere ao sistema eleitoral, este sim o ponto crucial, o voto distrital sequer foi cogitado. O que se propõe são listas fechadas, transferindo do eleitor para os partidos a escolha de deputados e vereadores. A última emenda propõe que alterações em legislação eleitoral sejam submetidas a referendo. Os quatro projetos tratam de domicílio eleitoral, fidelidade partidária, financiamento público e cláusula de desempenho. Aqui tampouco os senadores se propõem a fazer correções que rendam benefícios ao eleitor

ou ensejem aperfeiçoamentos institucionais. Proibir transferência de domicílio eleitoral a prefeitos durante o mandato não muda nada. Quanto à cláusula de desempenho eleitoral mínimo para que o partido possa ter representação parlamentar, a modificação é apenas a inclusão da exigência da eleição ter pelo menos três deputados em três diferentes estados por partido. O financiamento público da forma como é proposto não garante o fim do caixa 2 nem assegura nada além do dispêndio de dinheiro do Orçamento. Já o projeto sobre fidelidade partidária limita-se a sacramentar o entendimento do Tribunal Superior Eleitoral, hoje em contestação no Supremo, de que a criação de um novo partido é causa justa para a troca de legenda sem o risco da perda do mandato. Isso não é reformar, é maquiar e manter tudo como está. De mal a pior - O secretáriogeral da Presidência da República, Gilberto Carvalho, “denunciou” que saiu da prefeitura de São Paulo a informação sobre a

3

evolução patrimonial do ministro Antônio Palocci. E daí? A identificação da fonte não desmente os fatos. O PT tem expertise na área. Na oposição, uma longa folha de serviços prestados ao uso de informantes em órgãos públicos para denunciar adversários. No governo, bem pior: o uso da máquina do Estado para tentar intimidar adversários, vide a invasão da conta do caseiro na Caixa, a confecção de dossiê contra Fernando Henrique na Casa Civil e quebra do sigilo fiscal de tucanos na Receita Federal. Todos esses estratagemas só evidenciam que Palocci não se defende porque não pode. Sociedade anônima - O PT cobra de seus filiados, eleitos e nomeados para cargos de confiança entre 2% e 20% de seus salários a título de dízimo. Não está claro se a regra se estende à totalidade dos rendimentos. Se for extensiva, o partido é sócio beneficiário do espetáculo do enriquecimento do ministro Antonio Palocci. Se não for, fica a ideia para o PT reivindicar um adicional.

CIDADE

PCCS será entregue à Câmara na segunda Vinicius Henter viniciushenter@diariodepetropolis.com.br Os profissionais da educação do município receberam do secretário William Campos a promessa de que o Plano de Cargos, Carreiras e Salários (PCCS) da categoria será divulgado na próxima segunda-feira (30). Segundo relatos de servidores que se reuniram com Campos na última segunda (23), o documento será entregue à Câmara para ser votado. O Sindicato Estadual dos Profissionais da Educação (Sepe) e o Sindicato dos Servidores Municipais de Petrópolis (Sisep) também receberão uma cópia. A versão que deverá ser entregue aos vereadores atende às principais reivindicações da categoria, como o reajuste salarial por tempo de serviço e por formação.

Fotos: Arquivo

Somente a redução da carga horária que não foi atendida. No início do ano, William Campos chegou a declarar que os servidores poderiam trabalhar menos ou ganhar mais, mas a prefeitura não poderia acatar os dois pedidos. Ainda segundo o secretário, o governo teria optado por pagar mais. Reajustes por tempo de serviço e por formação Com o plano que deverá ser apresentado na segundafeira, todos os servidores da educação no município terão reajuste salarial de 12% a cada cinco anos de tempo de serviço. Em relação à formação, o aumento será de 10% a cada especialização. No caso dos professores, a profissão será dividida em normal, licenciatura curta, graduação, pós-graduação, mestrado e doutorado. Os profissionais de apoio, a

Servidores da educação em greve em maio do ano passado: reivindicação pelo PCCS poderá ser atendida

partir dos que têm ensino fundamental incompleto, também terão o reajuste por formação. Atualmente, professores ganham R$ 919, e profissionais de apoio, R$ 545. Com o PCCS, o piso será de

R$ 1.137 para professores, e R$ 604 para profissionais de apoio. No entanto, membros do Sepe-Núcleo Petrópolis já reivindicam um reajuste salarial de 20% acima do proposto pelo PCCS para que as perdas dos anos sem reajuste

sejam compensadas e para que o Plano de Cargos, Carreiras e Salários incida sobre um patamar mais elevado de salário da categoria. Hoje os professores da rede municipal paralisação as aulas, de manhã, tarde e

noite, para fazer leituras de um panfleto que está sendo distribuídos pelos servidores. No texto, a categoria argumenta que o PCCS é uma vitória para os profissionais, conseguida a partir da greve do ano passado. “Pedimos que todos continuem nos apoiando, acreditando em nossas manifestações de luta, pois lutamos pela educação, pela melhoria da escola pública em nosso município e sabemos que para isso precisamos estar unidos e conscientes dos nossos atos, priorizando a melhorias das condições de trabalho e salários justos para nós que somos os responsáveis pela educação pública em nosso município”, informou um trecho do panfleto. Procurado pelo Diário de Petrópolis, o secretário William Campos não foi encontrado.

Mosela passa por avaliação para receber Centro de Educação Infantil Aluguel de postes custaria R$ 2,52 milhões por ano Vinicius Henter

O vereador Wagner Silva (PPS) sugeriu ontem, durante sessão da Câmara, que a concessionária de energia elétrica Ampla pague pelo aluguel dos 42 mil postes instalados em Petrópolis. Caso o município recebesse R$ 5 por cada poste, a arrecadação chegaria a R$ 210 mil por mês, totalizando R$ 2,52 milhões por ano. Ele ainda lembrou que outras prestadoras de serviço que usam os postes, como empresas de internet e de TV a cabo, pagam à Ampla pelo aluguel, mas a concessionária de energia elétrica nada paga ao município pelo espaço utilizado. Wagner é presidente da Comissão Parlamentar de Inquérito Municipal (CPIM) que investigou as relações da Ampla com a prefeitura. O discurso do vereador foi para reclamar da obra incompleta no cabeamento subterrâneo na Rua do Imperador,

no Centro. Ele reiterou que a obra tem que ser concluída, já que os petropolitanos já pagam pela iluminação pública. - Em outras cidades, fizeram o serviço. Aqui, não querem fazer e ainda querem cobrar – disse Wagner. Segundo a investigação da CPIM, a obra no lado par, que foi concluída, custou R$ 9,3 milhões. Deste valor, o município pagou apenas R$ 4,5 milhões. Já o lado ímpar foi orçado pela Ampla em R$ 6,5 milhões. - No lado par, ninguém sabe por que não foi pago o valor total. Mas a CPI descobriu que a Ampla não mostrou nem a esse governo, nem ao governo anterior, a documentação com as planilhas dos custos - disse Wagner. Procurada pelo Diário de Petrópolis, a assessoria de imprensa da Ampla não respondeu até o fechamento desta edição.

A Secretaria Municipal de Educação está avaliando possíveis áreas para a construção de um Centro de Educação Infantil (CEI) no bairro Mosela. Ontem, uma equipe formada pelo assessor de Educação Infantil da pasta, Renato Lawall, acompanhado pela integrante da Associação de Moradores da Mosela, Regina Célia Nunes, e pelo vereador Thiago Damaceno (PV), visitou a região em busca de um imóvel para abrigar a unidade. A iniciativa da secretaria partiu após indicação do vereador, encaminhada no último dia 20, que salientava a necessidade da construção de uma creche no bairro. Durante a visita, Renato Lawall afirmou que o terreno visitado é grande, e precisa apenas de mudanças na estrutura interna. - Vamos levar essas informações ao secretário e fazer uma avaliação - afirmou. O espaço, localizado na Vila José Fercher, próximo à principal praça do bairro, tem aproximadamente 600 m², o que permite o atendimento a 120 crianças. Regina Célia Nunes afirmou que esta é uma das maiores necessidades dos moradores. - Precisamos ter um CEI na região. Todas as outras unidades já estão saturadas. O mais importante é ter o ser-

Divulgação

Thiago Damaceno, Regina Célia Nunes e Renato Lawall conversam sobre a área que poderá abrigar a CEI

viço. Quando abrir, logo as vagas vão se esgotar, e ainda faltarão crianças - declarou, salientando a urgência na prestação do serviço. Para Thiago Damaceno, o CEI seria uma conquista muito importante para os moradores da Mosela. - Aqui, todas as creches

já estão lotadas. Por isso, encaminhei a indicação à prefeitura. Além disso, esta é uma área central do bairro, o que facilitaria o acesso dos moradores - declarou. De acordo com a prefeitura, R$ 15 milhões do Programa de Gestão Descentralizada de Recursos da

Educação Municipal estão destinados para a reforma de 23 escolas e para a compra de seis prédios para a implantação de CEIs nos bairros da cidade. A meta do governo é ampliar de 6,5 mil para 13 mil o número de crianças atendidas nas creches até o fim de 2012.


4

DIÁRIO DE PETRÓPOLIS

56 anos

QUARTA-FEIRA, 25 DE MAIO DE 2011

Brigadeiros no Reino Unido

Impacto...

Fabiana Dangelo preparou todos os seus famosos Brigadeiros para cerca de 500 convidados na Festa do Homem do ano da Camara de Comercio Brasil – Reino Unido realizado recentemente em Londres que homenageou Luciano Coutinho que é o Presidente do BNDES em jantar de gala. Detalhe Fabiana foi especialmente para Londres com sua irmã Luiza para preparar os famosos Brigadeiros que fizeram sucesso.

Segundo consta em breve diversas ruas do Centro Histórico serão periciadas por especialistas em Impacto de transito para aferir se as ruas e imóveis tombados agüentam o transito pesado de caminhões, ônibus e outros veículos.

Célio Thomaz

Niver

celiothomaz@celiothomaz.com.br

Brincadeira sem graça...

Tati

Segundo consta o jogador de futsal e não atleta de futsal, Falcão que joga no Santos, ao invés de jogar o seu futsal na última sexta-feira em Petrópolis em partida oficial contra Poker Petrópolis resolveu criticar negativamente a excelente equipe petropolitana e o ginásio de desporto da UCP no Bingen....Fatos estes são lamentáveis vindos de uma personalidade do futsal brasileiro. 

Aniversariando hoje a talentosa cirurgiã dentista Carla Carielo de Souza-Bandeira, que esta sempre no eixo Rio – Araras onde possui uma bela casa de campo. Os nossos parabéns !!!

Almoço elogiado... Bastante elogiado o almoço oferecido ao Presidente da Câmara municipal de Petrópolis, vereador Paulo Igor pelo Comandante Arnaldo Paulo na última sexta-feira. O almoço foi preparado pelas secretárias de Arnaldo Samantha e sua irmã Luciana. Entre os presentes estavam o Deputado Bernardo Rossi e o vereador Baninho, os jornalistas Andréa Lopes e Edir Raposo assessores de imprensa da Câmara municipal. 

Tudo leva a crer que o feriadão de Corpus Cristi na serra no mês de junho será um dos mais badalados do ano, segundo informantes de plantão, a ocupação nos hotéis e pousadas de toda a cidade poderá atingir mais de noventa por cento. Sem contar que os restaurantes e o comércio terão grande movimento.

Niver de Carla....

Em breve teremos a assembléia geral anual da Associação Filantrópica Célia Lobo Paulo, provavelmente na segunda quinzena de junho ou primeira quinzena de julho.

Feriadão

Assembléia em Breve...

Quem aniversariou ontem, foi o jovem e competente médico Francisco Miloski, carinhosamente chamado pelos amigos como Chico. É filhos dos médicos Clarice e Antonio Miloski.

Temporada Na recente festa de premiação dos melhores do Futebol do Estado do Rio de Janeiro, que aconteceu no VIVO –Rio semana passada, no clique os Rubro negros Maurinho Branco, o jovem craque do time de profissionais do Flamengo Wanderlei, Célio Thomaz Junior e Binato de Castro, únicos petropolitanos e flamenguistas presentes na festa.

Quando será iniciada a temporada de inverno em Petrópolis...A programação ainda não saiu...Outras cidades da região já estão se movimentando. Um bom exemplo é a cidade paulista de Campos de Jordão que inaugurará a sua temporada de inverno durante o feriado de Corpus Christi.

Sardinhando... Bastante movimentada a mesa da Sardinha dos tenistas do Petropolitano F.C. no último sábado entre os presentes o querido ex-Presidente do clube Viniciu Soviero, Milton Lopes, Luiz Enéas, Rodolfo Abi Daud, Décio Lobo Jr, o Presidente do clube, o médico Arnaldo Rippel e Sergio Bailune Matuque... 

Caminhando...

Niver de Teresa de Castro

Foram vistos fazendo aquela caminhada matinal no último sábado o médico anestesista Helio Roberto Moura e o cirurgião dentista, professor Ernani Abad.

Quem aniversariou recentemente foi uma das damas de nossa sociedade Teresa de Castro comemorou o seu niver ao lado de seu marido o veterano médico João Manoel de Castro

Após recente missa solene na Catedral de Petrópolis, no clique os Advogados Fernando Costa e Célio Barbosa com a elegante sra Aurélia Alliman, mulher do anestesista Mauricio Alliman.

LIGUE JÁ ÁGUA MINERAL

Pão francês - R$ 5,99kg (somente no balcão)

ENTREGAS EM Rua Fonseca Ramos, 150

Entrega em domicílios

(24) 2231-0587

Rua Epitácio Pessoa, 100 (atrás dos Correios) Centro - Petrópolis - RJ Tel. 2231-2160

2237-1235

Direitos Autorais Registro de Músicas Livros Eventos Culturais Agente: Domingos Capistrano Operando no Mercado a 32 anos

Tels.: (24) 2237-3210 (24) 9832-0327 Petrópolis - RJ (22) 9907-4947 Cabo Frio - RJ

DOMICÍLIO E EMPRESAS QUALIDADE E RAPIDEZ


quarta-feira, 25 de maio de 2011

56 anos

DIÁRIO DE PETRÓPOLIS

5

cidade

Posto da PRF no Belvedere será reativado após reforma Obra da Concer provocou congestionamento no Quitandinha

Obra da Concer deixa trânsito congestionado Uma obra da Concer realizada ontem à tarde deixou o trânsito congestionado próximo ao pórtico do Quitandinha. Apenas uma faixa da pista sentido Juiz de Fora estava liberada para os veículos. Devido ao serviço a BR040 estava operando em meia pista em dois trechos da subida da Serra de Petrópolis. No km 82, logo após o pórtico do Quitandinha, um serviço de recuperação do pavimento deixou o local parcialmente interditado, exigindo atenção redobrada dos motoristas. Já no km 72, a transportadora responsável por um caminhão que tombou ontem realizou o transbordo da carga de cimento, que estava dentro de um contêiner. Com o tombamento, os sacos de cimento rasgaram e o produto ficou espalhado dentro do contêiner, o que retarda a transferência da carga para outro veículo. De acordo com a Concer, no trecho de Itaipava, quem segue em direção ao Rio encontra meia pista no km 54 por causa de uma obra de contenção. Em Areal, há meia pista no km 35 para outra obra

de contenção e pista em mão dupla no km 43 para a construção de um retorno. Carreta fica mais de um dia tombada em meia pista na BR-040 A carreta que tombou na manhã de segunda-feira, na altura do quilômetro 73 da BR-040, sentido Juiz de Fora, continuou tombada, ocupando meia pista, até a tarde de ontem, pelo menos. De acordo com a Concer – concessionária que administra a rodovia -, embora o contêiner que transportava 27 toneladas de cimento, tenha permanecido fechado após o acidente, “ a carga se espalhou dentro dele, retardando a operação de transbordo”. Por causa do tombamento, o caminhoneiro sofreu uma fratura exposta e precisou ser encaminhado ao Hospital Santa Teresa, onde ficou internado. O veículo vinha do Rio de Janeiro e seguia para Três Rios quando o acidente ocorreu. Ainda não se sabem as causas do acidente, mas o veículo tombou após uma curva.

O americano Asaph, suas irmãs e sua mãe Daise na solenidade

Alunos do ensino fundamental recebem diploma do Proerd O Proerd (Programa Educacional de resistência às drogas e à violência) formou na tarde de ontem a primeira turma de Ensino Fundamental. Participaram da solenidade 610 alunos de 30 turmas das 17 escolas participantes. O Theatro Dom Pedro, local do evento ficou lotado de pais e estudantes. Para o secretário municipal de Educação, William Campos, que compareceu à solenidade, o Proerd, criado em 1992, é uma forma de orientar as crianças a não conviverem com drogas. O representante do Executivo fez questão de elogiar os policiais que atuam à frente do programa. - Este é um trabalho de consciência que deve ser acompanhado não só pelos alunos como também por toda a comunidade – disse. Já o secretário de Trabalho, Assistência Social e Cidadania – Setrac – Luiz Eduardo Peixoto, contou que o Proerd é um presente para todos os estudantes. Durante a solenidade Peixoto lembrou ainda que a prefeitura vai reativar o Conselho Antidrogas. - A droga não leva a nada. Este programa é muito importante para os nossos estudantes – elogiou. Quem estava atento a tudo que os oficias da Polícia Militar falavam era Gabriel, de apenas 4 anos, aluno da Escola Maria da Glória. - É legal. Eu sou contra as drogas – disse ele meio inibido.

Já a aluna Tatiellen, da mesma idade, da Escola Lions Club, estava orgulhosa por ter recebido seu diploma. Tudo bem, ela não entendeu tudo que os policiais explicaram, mas mostrou estar atenta ao tema. Para a diretora da Lions Club Margarett Nascimento, o Proerd é uma forma de tirar as crianças das drogas. - Meus alunos não só aprenderam a ficar longe das drogas como também já sabem utilizar os números de emergência da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros – assegurou, lembrando que os instrutores do Proerd ensinam outros temas. Durante a solenidade, até um americano se formou: Asaph de 4 anos, também aluno da Lions Club. A mãe do jovem, Daise Freitas Rocha, que morou 10 anos nos Estados Unidos também elogiou o Proerd. - Este sistema deveria ser utilizado nos Estados Unidos, pois sei que aqui no Brasil funciona muito bem – elogiou. Já o tenente coronel Nélio Monteiro Campos coordenador estadual do Proerd, disse que o objetivo do programa não é só afastar as crianças das drogas, mas também de qualquer ato ilícito. - Ensinamos às crianças ficarem longe das drogas e também da pedofilia – explicou o oficial, acrescentando que os formandos são os multiplicadores do Proerd.

A reativação do posto da Polícia Rodoviária Federal na BR-040, altura do Beldevere depende de reforma, mas ela já será iniciada na próxima semana. Até lá, o policiamento será feito com a intensificação da circulação de viaturas nos 18 quilômetros de subida da Serra e nos outros 20 de descida. As patrulhas serão reforçadas com apoio dos agentes que cobrem os 68 quilômetros entre Petrópolis e Três Rios onde fica o próximo posto da PRF na BR-040. O deputado estadual Bernardo Rossi (PMDB) e o vereador Paulo Igor (PMDB) vão buscar os recursos junto à iniciativa privada, mas já anunciam que as obras começam segundafeira. A prefeitura de Petrópolis também se comprometeu em ajudar em restabelecer a infra-estrutura necessária aos agentes. O funcionamento do posto da PRF no Quitandinha também está garantido e Bernardo Rossi e Paulo Igor vão mobilizar a bancada do PMDB na Câmara Federal e o senador Francisco Dornelles (PP) para que o efetivo da PRF seja aumentado em todo o Estado, em especial na Região Serrana O entendimento pela reativação do posto foi fechado em reunião entre os parlamentares e o superintendente da PRF no Estado, Antônio Vital de Moraes Júnior nesta terça-feira (24.05). - O posto está em condições inabitáveis com infiltrações por todo o telhado, sistema de esgoto saturado, sem água e energia elétrica. Diante desta situação, optamos por um policiamento ostensivo dinâmico, ao invés do estático, mas entendemos que é importante o funcionamento do posto porque, inclusive, facilita e apóia o trabalho dos agentes em campo - considera. As intervenções vão começar na segunda-feira, garante o presidente da Câmara de Vereadores, Paulo Igor, que depois da reunião vistoriou o posto. - As medidas são relativamente simples e podem começar já - assegura. O posto do Belvedere foi construído em área do Departamento Nacional de Infra-estrutura em Transporte (Dnit)

Fotos: Alan Alonso

O posto da Polícia Rodoviária próximo ao Belvedere, passará por reformas e será reativado

em 2006, pela prefeitura de Petrópolis, mas desde então não passou por reformas. Na impossibilidade de recursos imediatos do governo federal, os parlamentares vãos buscar apoio da iniciativa privada. - Estamos a 30 dias da alta temporada de inverno da cidade, com festivais culturais programados, além da grande festa da cidade, que é a Bauernfest, e a previsão de recebermos 100 mil turistas em três meses. Não podemos esperar - afirma Bernardo Rossi. O encontro com o superintendente da PRF teve a presença do secretário municipal de Segurança Pública, Hélio Moura e do Chefe de Policiamento da PRF no Estado, David Stanley, que garantiu patrulha ostensiva na estrada 24 horas. - Nos próximos dias, operaremos com o sistema dinâmico, percorrendo a estrada e assim que as condições básicas forem recuperadas os agentes voltam ao posto, reaberto, mesmo que as obras ainda durem mais dias - antecipa o superintendente da PRF. Concer não destina parte da arrecadação à PRF Além de estar em pleno funcionamento, o posto do Belvedere e também o posto do Quitandinha poderiam

estar melhor equipados, reformados e até ampliados. Isso, se a concessionária que administra a BR-040 fosse obrigada contratualmente, como acontece com a maioria das concessões rodoviárias do país, a destinar parte de sua arrecadação para este objetivo. - Mostra a importância da Comissão Especial instalada na Assembléia Legislativa do Estado do Rio (Alerj) atendendo a um pedido meu, de revisão de contrato da Concer. Pagamos um dos pedágios mais caros do pais, hoje uma tarifa a R$ 7,70 – e nem esta contrapartida temos - avalia

Bernardo Rossi. A Câmara de Vereadores trava na justiça uma batalha para que a Concer faça obras de manutenção das pistas e dote a estrada de sistema de comunicação com usuários, call boxes e iluminação. Isso está previsto no contrato. Queremos apenas que a empresa cumpra o que contratou - afirma o presidente da Câmara. Paulo Igor que acredita também que as obras vão favorecer o trabalho dos policiais rodoviários. - Uma estrada bem conservada é mais segura, tem menos acidentes e facilita deslocamento das equipes - pontua.

Deputado e vereador mobilizam bancada do PMDB na Câmara Federal Bernardo Rossi e Paulo Igor querem empenho da bancada do PMDB na Câmara Federal e apoio do senador Francisco Dornelles (PP) para que o Estado do Rio tenha um efetivo maior para a PRF. - Estamos visando a programação turística local habitual, mas vislumbramos Copa do Mundo, Jogos Olímpicos e outros eventos que podem trazer turistas à cidade - afirma Bernardo. - Também estamos falando de milhares de petropolitanos que fazem este deslocamento na Serra todos os dias e em nome das empresas que dependem da BR-040 tanto para os negócios que mantém com a região do Médio Paraíba quanto com o Rio e Região Metropolitana do Rio - completa Paulo Igor.

Preso traficante que encomendou cocaína O traficante que encomendou as 500 cápsulas de cocaína, apreendidas anteontem pela Polícia Militar, no Alto da Serra, já está preso. O homem contratado por ele para transportar a droga do Rio de Janeiro para Petrópolis, que foi preso em flagrante após ter sido pego pelos agentes do Grupamento de Ações Táticas (GAT), colaborou com as investigações e apontou o local onde o criminoso estaria, no Carangola. Nada foi encontrado com o suspeito e, mesmo

assim, ele ficou detido por tráfico de drogas e associação para o tráfico. De acordo com os policiais que participaram da operação, logo após prender o chamado “mula”, eles começaram um trabalho de investigação e conseguiram prender o traficante, 30 anos, na mesma noite, segunda-feira, por volta de 19h. O caso foi encaminhado à 105ª Delegacia (Retiro) e, após consulta no sistema da Polícia Civil, eles verificaram que o homem ainda não tinha

antecedentes criminais. Durante a prisão, foram encontrados R$ 600 em dinheiro que seriam entregues ao contratado para o pagamento do transporte da droga. O caso Na tarde de segunda-feira, um homem de 35 anos foi preso quando seguia em um ônibus, do Meio da Serra para o Centro, carregando 500 cápsulas de cocaína, dois tabletes de maconha hidropônica, uma

pedra de crack, além de R$ 360 em dinheiro. .Ele teria comprado a droga na Favela Mandela, no Complexo de Manguinhos, no Rio de Janeiro, e pretendia entregar o material ao traficante, no Carangola. Apesar de ter vindo do Rio em um ônibus intermunicipal, ele desceu no Meio da Serra e pegou um coletivo do município para tentar despistar a polícia. A operação foi realizada pela equipe do sargento Clemente; cabo Carreiro, e soldados Patrão e Duque.

TRE prepara Centrais de Atendimento A expansão das Centrais de Atendimento ao Eleitor (CAE) a outros municípios do Estado é uma das metas do presidente do TRE-RJ, desembargador Luiz Zveiter, para os próximos dois anos. “O objetivo é facilitar cada vez mais o acesso da população aos serviços prestados pela Justiça Eleitoral fluminense”, ressaltou o desembargador. Por iniciativa conjunta do presidente e do corregedor regional eleitoral, juiz Antonio Augusto de Toledo Gaspar, um estudo levantou as demandas de municípios com maior concentração de Zonas Eleitorais. “As CAEs

criadas vão atender os eleitores de todo o município onde forem instaladas, não apenas os logradouros de abrangência da ZE”, explica Ricardo de Oliveira Franco, assessor da Corregedoria. Empreitadas desse tipo tendem alcançar êxito, a julgar pela operacionalidade da Unidade de Atendimento ao Eleitor (UAE) da Capital. A UAE funciona no térreo da sede do TRE-RJ e atende indistintamente os eleitores das 249 ZEs do Estado. Desde sua implantação, em março de 2009, até o final de abril, a UAE já registrou cerca de 25 mil atendimentos. Desse total,

resultaram mais de 17 mil requerimentos, entre operações de alistamento, transferência, revisão e segunda via. Vale lembrar a influência desses resultados no pico de atendimento que marcou o período que antecedeu o fechamento do Cadastro Eleitoral, em maio de 2010, e a reimpressão de títulos efetuada de junho a setembro também do ano passado. O último item respondeu por 6.296 operações. Em Volta Redonda, a Central de Atendimento ao Eleitor foi instalada em outubro de 2009 e difere da UAE da sede por prestar serviços exclusivamente a eleitores cadastrados

naquele município. Lá, 16.606 operações foram contabilizadas em todas as modalidades de requerimento, no período de 15 de outubro de 2009 a 14 de abril de 2011. Em funcionamento há menos tempo, desde 28 de abril de 2010, a CAE de Duque de Caxias computou quase 40 mil requerimentos até 26 de abril passado. As duas cidades têm em comum uma quantidade considerável de cartórios eleitorais, que se revezam no atendimento. Cada CAE funciona sob a coordenação de um juiz designado pela Presidência do Tribunal, escolhido entre os Juízos Eleitorais município.


6

56 anos

DIÁRIO DE PETRÓPOLIS

quarta-feira, 25 de maio de 2011

Agenda Cultural INSTITUTO OMAR CARDOSO

HORÓSCOPO Áries - (21/03 a 20/04)

Surgimento de pequenas dificuldades práticas e materiais com relação à pessoa amada, particularmente no convívio cotidiano, o que poderá arrefecer o ardor dos sentimentos. No ambiente de trabalho, novas oportunidades surgirão para melhorar sua situação.

Touro - (21/04 a 20/05)

Os excessos de prazer, de bebidas alcoólicas, alimentos gordurosos e as questões extraconjugais poderão complicar física e moralmente neste dia. Não saia da rotina, fale pouco e escute mais.

Gêmeos - (21/05 a 20/06)

Perigos de inflações em vários setores. Tome muito cuidado para que seu crédito e moral permaneçam elevados. Contudo, o fluxo denota sucesso em pesquisas e na medicina. Passeios inesperados poderão ser muito proveitosos.

Câncer - (21/06 a 22/07)

O período lhe favorecerá nos estudos. Por outro lado, deverá evitar acidentes, os negócios arriscados, não crer em falsas notícias e boatos maldosos. Cuide da saúde. As atividades manuais podem ser a melhor forma de você entrar em contato com suas emoções.

Leão - (23/07 a 22/08)

Momento em que terá muita paz íntima e que deverá colaborar decisivamente na solução de seus problemas financeiros e profissionais. A vida amorosa trará satisfação. Melhora da saúde. Prepare-se para viver experiências mais profundas.

Virgem - (23/08 a 22/09)

Dia em que receberá benefícios inesperados conseguirá atrair a simpatia dos outros e será muito feliz, em sua vida familiar, amorosa e bem sucedido, profissional e financeiramente. Contatos pessoais propícios.

Libra - (23/09 a 22/10)

Ainda hoje, novas perspectivas de êxito vão abrir-se para você. Evite desgastar-se, aborrecer-se ou irritar-se por questões de pequena monta. Não descuide da saúde. Acidentes podem acontecer se você abusar. Portanto, previna-se.

 Escorpião - (23/10 a 21/11) Os estudos elevados e a vida cultural estarão favorecidos, assim como o contato com o estrangeiro. Haverá continuidade no seu sucesso profissional. Você deverá agir no sentido de consolidar conquistas feitas nos períodos anteriores.

Sagitário - (22/11 a 21/12)

Negativo fluxo astral para mudanças de emprego, atividades ou residência. Tendência à depressão psíquica. Controlese em todos os sentidos e cuide de sua saúde. A badalação deve continuar neste período.

 Capricórnio - (22/12 a 20/01) Muito bom fluxo astral as transações relacionadas com terras, propriedades, mudanças e a compra e venda de metais, joias e pedras preciosas. Contudo não descuide de seus familiares e seja mais arrojado.

Aquário - (21/01 a 19/02)

Dia em que enfrentará algumas oposições e dificuldades impostas por parentes, familiares e vizinho. Não se preocupe, pois com autoconfiança e inteligência sairá vencedor. A tarde será mais tranquila, com instantes de delicadeza e inspiração.

 Peixes - (20/02 a 20/03) Você será o centro das atenções e provocará os mais variados comentários, sempre para o lado positivo nas pessoas. Aguarde também um convite de uma pessoa influente em sua área profissional. O clima é favorável para as atividades com pessoas de sua estima, sejam familiares ou amigos.

marciosalerno@diariodepetropolis.com.br

Especial

Filmes pouco convencionais hoje no Edifício Profissional Hoje, às 20h, o Cinema 360° realizará uma ocupação audiovisual na Galeria do Edifício Profissional, onde funcionava o Theatro Cassino Fluminense que realizou a 1ª exibição de filmes feitos no Brasil,ocorrida em 1897. Serão exibidas obras do Cinema Experimental, VideoArt, Poesia Visual, Animação das mais variadas épocas. A entrada é franca. Na programação, “Antena” - Bill Viola 1983, “Jwel” - Kiki Smith 1997, “Spiral Jetty” – Robert Smithson 1970, “Silver Flotation Andy Wahrol” 1966, “Banho de espuma”- Aline Castella 2007, “Pequeno poema em prata”- Cristiana Miranda 2007, “2012”- Renata Than 2006, “Prefácio” - Fabiola Trinca, Igor Cabral e Sabrina Bittencourt 2005, “5 poemas concretos” – Christian Caselli 2005, “O tempo está

Fotos: Divulgação

Um pequeno filme de Yoko no será exibido na mostra, hoje

passando” - Marcio Valerio 1999, “The punking of Paris Hilton” – Banksy 2007, “The bed game”- Ishu Patel 1977, “A lègy’ - Ferenc Rofuzs 1980, “Fluxfilm01 Eletronic moon nº2” - Nam June Paik e Jud Yalkut 1969, “Fluxfilm07 Ten Feet” - Geoge Maciunas 1966, “Fluxfilm09 Eye blink” – Yoko Ono 1966, “Fluxfilm13 Trace #24”

- Robert Watts 1965, “Fluxfilm37” - Peter Kennedy e Mike Parr 1970, “Fluxfilm29 Word Movie”- Paul Charits 1966, “Fluxfilm22 Shout” – Jeff Perkins 1966, “Fluxfilm23 Sun in your head” – Wolf Vostel 1963, “Picasso is paining- trecho de Os mistérios de Picasso” 1956, “Poesias Visuais’ - Rodrigo Dutra.

Filosofia

Platão e Nietzsche serão tema de discussões na UCP todas as quartas A Universidade Católica de Petrópolis, por meio do Centro de Teologia e Humanidades, preparou um curso que visa analisar parte das obras de Platão e de Nietzsche por meio da leitura e debate de textos de ambos os filósofos. Serão, ao todo, 10 encontros, toda quarta-feira, de 14h30 às 17h30, no campus da Rua Benjamin Constant,

213. Os encontros começam no dia 11 de junho. O curso visa analisar as noções de corpo e alma, em Platão, e de corpo como fio condutor interpretativo, em Nietzsche. “A República” e “Fédon”, de Platão, e “Aurora”, “A Gaia Ciência” e “Assim Falou Zarathustra”, de Nietzsche serão os principais escritos a serem estudados.

Nietzsche será um dos enfocados nos encontros da UCP

Na cidade

Teatro, coral, baile, música ao vivo e encontro são destaques desta semana A Mostra Minimalista começa hoje e termina na sexta, sendo a menor desde que foi criada, há cerca de 15 anos. A partir de 19h30 de hoje, “5 Minutos em Cena”, no Theatro D. Pedro. Amanhã será reapresentada a peça “Depois da Chuva”, que o Teatro Circense Andança criou para uma das mostras anteriores e, na sexta, mais “5 Minutos em Cena”, com premiação e encerramento. Hoje, às 19h, tem Coral Doane College Choir no Palácio de Cristal, censura livre, entrada franca. O grupo é formado por 45 jovens estudantes americanos da faculdade Doane College (Nebraska – EUA), em sua primeira turnê pelo Brasil, incluiu Petrópolis pelo valor histórico de nossa cidade. Participação especial do Coral Municipal de Petrópolis. Hoje tem mais uma edição do “Baile da Feliz Idade”, às 15h, com a banda Pássaro de Prata, na Estação Pedro do Rio, Est. União & Indústria, 19.574, Itaipava. Trata-se de um tradicional baile direcionado às pessoas acima de

O Coral Municipal de Petrópolis canta hoje no Palácio de Cristal

55 anos. Com apresentações especiais de bandas locais. Censura livre, entrada franca. O músico petropolitano Alexandre Fontes se apresenta hoje, de 20h às 22h, no Botecone, Travessa Cristal, Rua 16 de Março. O músico promete encantar os participantes com um show de violão e voz. De amanhã até o próximo dia 29, de quinta a domingo, das 08h às 22h, acontece o

“Encontro de Motor- Homes” no Parque de Exposições de Itaipava, censura livre, entrada franca para sócios e convidados. . Criada em 2006, a Associação de Campistas do Rio de Janeiro “Amigos do Rio” após ajudar as vitimas das chuvas de janeiro, agora se reúnem para celebrar a amizade e a natureza, motivando as autoridades a fazerem em cada município uma área de camping.

Especial

Entrega do Prêmio É Festa! acontecerá dia 30 de maio, no Petropolitano No próximo dia 30, a partir das 19h30, o Petropolitano Futebol Clube vai ser palco da 6ª edição do Prêmio É Festa! Aos Melhores da Arte, Cultura e Lazer, que este ano premia os destaques de 2010. Dentro do mesmo evento vai acontecer também a entrega

da 1 ª edição do Prêmio Força da Juventude, que é organizado pela Coordenadoria de Juventude da Prefeitura de Petrópolis e pelo Conselho Municipal de Juventude. A votação é feita através do site www.premioefesta.com.br e estará aberta

até noite do dia 29 de maio. O evento premia os melhores da Arte, da Cultura e do Lazer em toda Petrópolis. O Prêmio tem como ponto forte dar visibilidade aos que se destacam na cidade, com base na arte, cultura e entretenimento.

CINE ITAIPAVA Est. União & Indústria, 11.000 - Itaipava THOR – Censura 10 anos – com Anthony Hopkins – Horários: 15h e 19h10 todos os dias, exceto 2ª feira – Sessão extra sexta e sábado, 21h40 A aventura épica se inicia no planeta Terra nos dias de hoje até reino de Asgard. O Poderoso Thor é um arrogante guerreiro cujas ações intempestivas despertam uma guerra antiga. Como castigo, Thor é enviado à Terra e forçado a viver entre os mortais. Uma vez aqui, ele aprende o que significa ser um verdadeiro herói, depois que o vilão mais poderoso de seu mundo envia as forças negras de Asgard para invadir o planeta. TODO MUNDO TEM PROBLEMAS SEXUAIS – Censura 14 anos – Com Pedro Cardoso - Horários: 17h30 todos os dias, exceto 2ª feira Todo Mundo tem Problemas Sexuais conta cinco histórias diferentes que têm em comum a questão sexual que envolve os desejos e as consequências dos problemas sexuais: Impotência - Uma mulher descobre no bolso de seu parceiro um comprimido de Viagra, e começa a duvidar da validade de seu amor. Perversão - Casal que durante anos viveu um casamento convencional e, por alguma circunstância inesperada, não conseguem mais viver sem que tenham outros parceiros na cama. Sedução - Farmacêutico quer seduzir sua melhor amiga, mas sem perder a amizade da mesma. Desejo - História de casal que se conhece pela internet e tem encontros tórridos no escuro, até que um dia ao abrir a porta da geladeira a luz revela verdades ocultas. Preferências Sexuais - História de um homem que descobre que mesmo amando sua mulher, tem atração por homens. Ingressos: terças e quartas ingresso promocional a R$ 6 para todos (exceto feriados). Preço de ingressos as quintas e sextas - inteira R$ 14 e meia R$ 7. Preço de ingressos aos sábados e domingos - inteira R$ 16 e meia R$ 8. CINE BAUHAUS R. Dr. Nelson de Sá Earp, 89 Shopping Center Bauhaus Centro SALA 1 RIO – Censura livre – Horários: 14h30 e18h30 Blu é uma arara azul que nasceu no Rio de Janeiro mas, capturada na floresta, foi parar na fria Minnesota, nos Estados Unidos. Lá é criada por Linda (Leslie Mann), com quem tem um forte laço afetivo. Um dia, Túlio entra na vida de ambos. Ornitólogo, ele diz que Blu é o último macho da espécie e deseja que ele acasale com a única fêmea viva, que está no Rio de Janeiro. Linda e Blu partem para a cidade maravilhosa, onde conhecem Jade. Só que ela é um espírito livre e detesta ficar engaiolada, batendo de frente com Blu logo que o conhece. Quando o casal é capturado por uma quadrilha de venda de aves raras, eles ficam presos por uma corrente na pata. É quando precisam unir forças para escapar do cativeiro. TODO MUNDO TEM PROBLEMAS SEXUAIS – Censura 14 anos - Com Claudia AbreuHorários: 16h30 e 20h30 SALA 2 PIRATAS DO CARIBE – NAVEGANDO EM ÁGUAS MISTERIOSAS – Censura 12 anos – com Johnny Depp – Horários: 15h, 18h e 21h Neste conto de verdade, traição, juventude e morte, o Capitão Jack Sparrow cruza com uma mulher de seu passado, e ele não tem certeza se é amor ou se ela o está usando para encontrar a lendária Fonte da Juventude. Quando ela o obriga a bordo do Queen Anne’s Revenge, navio do temido pirata Barba Negra, Jack encontra-se diante de uma aventura inesperada, em que ele não sabe quem temer mais: Barba Negra, ou a mulher de seu

passado. Preços: Segunda é dia de cinema. Ingressos a R$ 3 em todas as sessões. Terça a quinta (exceto feriados): Sessões iniciadas até 15h59min Inteira: R$ 10 (meia: R$ 5). Após 16h inteira: R$ 12 (meia: R$ 6). Sexta a domingo e feriados: Sessões iniciadas até 15h59min inteira: R$ 12 (meia R$ 6) Após 16h inteira: R$ 14 (meia R$ 7). Lembrando que estamos com uma promoção de terça a domingo: todas as pessoas pagam meia entrada. TOP CINE HIPERSHOPPING ABC Rua Teresa, 1415 / 2º piso Alto da Serra – Petrópolis Cine Fone: (24) 2249-9900 www.cinemaxx.com.br SALA 1 PIRATAS DO CARIBE 4: Navegando em Águas Misteriosas – Censura 10 anos – com Johnny Depp – Horários: 14h50, 17h40 e 20h30 - 2ª feira – dia 23 – não haverá sessão SALA 2 VELOZES E FURIOSOS 5 – Operação Rio – Censura 14 anos - com Paul Walker – Horários: 15h30, 18h10 e 20h50 - 2ª feira – dia 23 – não haverá sessão Dominic Toretto foi resgatado da prisão por sua irmã Mia e Brian O’Conner, que realizam um ousado resgate sobre rodas. Logo em seguida, ele desaparece. Brian e Mia vão até o Rio de Janeiro, onde encontram Vince. Ele propõe ao casal o roubo de carros que estão sendo levados em um trem, algo que, segundo ele, será uma operação simples que renderá um bom lucro. Durante a operação, Dominic reaparece e diz à irmã que os planos mudaram. Ela então leva um dos carros a um esconderijo em plena favela carioca, deixando Dominic e Brian enfrentando policiais e bandidos. TOP CINE HIPERSHOPPING MERCADO ESTAÇÃO Rua Paulo Barbosa, 310 / 1º piso Centro - Petrópolis Cine Fone: (24) 2249-9900 www.cinemaxx.com.br SALA 1 RIO – Censura livre – Horários: 15h30 - 2ª feira – dia 23 – não haverá sessão PADRE – Censura 14 anos – com Paul BVettany – Horários: 17h20, 19h10 e 21h - 2ª feira – dia 23 – não haverá sessão A história gira em torno de um lendário guerreiro Sacerdote da última Guerra de Vampiros, que agora vive na obscuridade entre os outros habitantes humanos espezinhados em paredes nas cidades distópicas governadas pela Igreja. Quando sua sobrinha é raptada por um bando de vampiros assassinos, o Sacerdote quebra seu juramento sagrado para se aventurar em uma busca para encontrá-la antes que ela seja transformada em um deles. Ele é acompanhado na sua cruzada pelo namorado de sua sobrinha, um jovem xerife (rápido no gatilho), e uma ex-guerreira Sacerdotisa que possui habilidades de luta sobrenaturais. SALA 2 THOR – Censura 10 anos – com Anthony Hopkins – Horários: 15h50 e 18h20 (cópia dublada) – 20h50 (cópia legendada) - 2ª feira – dia 23 – não haverá sessão SALA 3 RIO – Censura livre - Horários: 16h10 - 2ª feira – dia 23 – não haverá sessão O NOIVO DA MINHA MELHOR AMIGA – Censura 12 anos – com Ginnifer Goodwin – Horários: 18h30 e 20h40 - 2ª feira – dia 23 – não haverá sessão Rachel vai fazer 30 anos e era toda certinha, mas durante uma comemoração bebeu além da conta e acabou transando com Dex, um amigo da faculdade. Só que o cara é o noivo de sua melhor amiga Darcy, de quem ela é madrinha de casamento. Agora, ele vive o conflito dos preparativos para a festa, enquanto começam a pesar na balança a amizade dos tempos de infãncia e o que sempre sentiu por Dex.

Filmes na TV CROSSROADS – AMIGAS PARA SEMPRE – GLOBO – 16H – COM BRITNEY SPEARS - Filme destinado a adolescentes, estrelado por cantora ‘pop’ de sucesso. As idas e vindas do amor e das amizades que, no futuro, geralmente não duram. O REINO – RECORD – 23H15 – COM CHRIS COOPER - Agentes da CIA vão parar em um país das Arábia Saudita, para investigar um atentado que fez muitas vítimas.


56 anos

DIÁRIO DE PETRÓPOLIS

quarta-feira, 25 de maio de 2011

7

geral

Nova cervejaria terá unidade em Petrópolis Em breve Petrópolis ganhará mais uma cervejaria: a Cerveja Paraense ou Cerpa, como é conhecida no Brasil. A unidade vai funcionar em uma área do distrito industrial da Posse, mas a data de inauguração e o número de funcionários que a empresa irá contratar ainda não foram divulgados. A cerveja Cerpa nasceu em 1966 pelas mãos da Cerpasa ou Cervejaria Paraense como também é conhecida. A fábrica ficou instalada junto das margens da Baía do Guajará, em Belém (PA), numa área de 157.633 metros quadrados. Apesar da forte concorrência de produtos como a Brahma e a Antarctica, a Cerpa conseguiu granjear um bom prestígio a nível interno,

independentemente das vendas nunca terem realmente disparado. Procurando diferenciarse das suas rivais pela qualidade do produto e inovação, a Cerpa apresentou, em 1996, o processo Draft Beer, no qual a cerveja não passa pelo tradicional sistema de pasteurização, mas antes por uns complexos filtros de celulose e descarga térmica. Atualmente, a Cerpa é líder no Estado do Pará e produz a Pilsen Draft Beer e a Export Draft Beer (Cerpinha). Procurada pelo Diário, a assessoria de imprensa da Cerpa não retornou as ligações. Questionada sobre o assunto, a prefeitura de Petrópolis não enviou resposta até o fechamento desta edição.

Saúde publica edital para contratação de médicos A Fundação Municipal de Saúde publicou na edição do Diário Oficial (D.O) do dia 14, o edital do processo de seleção para contratação temporária de médicos para atendimentos de urgência e emergência em regime de plantão nos hospitais municipais e para os Postos de Saúde da Família (PSF). Serão abertas ao total 56 vagas para diversas especialidades médicas. Por meio dos dois editais anteriores foram contratados 36 médicos. A maioria atua no Hospital Municipal Nelson de Sá Earp (HMNSE), o que possibilitou a direção da unidade trabalhar com equipes de plantão completas durante os sete dias da semana. Para os setores de urgência e emergência serão chamados 12 médicos clínicos; sete pediatras; 10 ortopedistas; uma vaga para psiquiatra e dois intensivistas. Todos esses profissionais terão jornada de trabalho de 24 horas semanais em esquema de plantão e vencimentos de R$ 4,5 mil. Já os profissionais que desejarem ingressar nos PSF’s concorrerão a uma das 11 vagas disponíveis, com carga horária de 40 horas semanais diárias e salários de R$ 7.199,89. Para médicos que estiverem interessados em trabalhar nos ambulatórios estão sendo disponibilizadas 10 vagas, sendo duas para clí-

nico; uma para cardiologia; duas vagas para endocrinologista; uma para hepatologista; uma para hematologista; uma para reumatologista e quatro vagas são destinadas para psiquiatras. Os profissionais serão remunerados com salários de R$ 1.534,95 e jornada de trabalho de 20 horas semanais (diaristas). O contrato temporário dos profissionais médicos terá duração de seis meses e poderá ser prorrogado uma única vez por igual período. O processo seletivo será feito mediante análise curricular com a discriminação de títulos e experiência profissional. Os profissionais interessados em participar do processo seletivo devem estar munidos com os seguintes documentos no ato da inscrição: carteira de identidade; CPF; Título de eleitor e comprovante de quitação com a Justiça Eleitoral; quitação com a obrigação militar (para sexo masculino); comprovante de conclusão do curso superior em Medicina, registro no conselho da classe, comprovante de habilitação e currículo. As inscrições começaram a valer no dia 17 deste mês e estarão abertas até o dia 15 de junho, de segunda a sexta-feira, das 12h às 17h, na sede da Fundação Municipal de Saúde, que fica localizada na Rua Aureliano Coutinho, 81 – 2º andar.

Prefeitura começa o controle do Aedes aegypti A Secretaria Municipal de Saúde informa que desde o dia 23 até 29 de maio de 2011, a Vigilância Sanitária, através do Programa Municipal de Controle da Dengue, estará realizando o LIRAaLevantamento de Índice Rápido do Aedes aegypti. O programa servirá de ferramenta para nortear ações de combate ao mosquito transmissor no município. A Vigilância Sanitá-

ria solicita aos moradores que autorizem a entrada dos agentes de combate às endemias em seus imóveis, pois só assim poderá fazer um controle eficaz contra a Dengue em Petrópolis. Os agentes inspecionam os locais com água, como vasos de plantas, caixas d’água, piscinas e também coletam amostras dos recipientes com larvas para que sejam feitas as análises.

Preço dos combustíveis já registra queda na cidade Conforme era previsto pelo ministério de Minas e Energia, os preços dos combustíveis já apresentam uma queda considerável. Com o fim da entressafra nas plantações de cana de açúcar- matéria prima do álcool- e o aumento da oferta do produto, o preço do etanol tornou-se mais atrativo. Os que têm carro total flex, por exemplo, voltaram a consumir o etanol, diminuindo a demanda pela gasolina, o que força que o preço do produto também abaixe. Dos nove postos pesquisados pela reportagem do Diário de Petrópolis, ontem, cinco deles registraram queda nos preços do etanol e da gasolina, enquanto que quatro deles mantiveram os preços estáveis em relação a última apuração, realizada no dia 12 de maio. A gasolina mais barata era vendida em um posto sem bandeira do Bingen, à R$2,79, enquanto que a mais cara foi encontrada a R$ 3,14 no posto Ipiranga da rua 13 de Maio. Diferença, portanto, de 12,5% entre o mais caro e o mais em conta. O preço do Etanol variou em 17,3%. O produto saía mais em conta também no posto sem bandeira do Bingen, R$2,19, enquanto que o preço mais caro era cobrado também no posto Ipiranga

da 13 de maio, R$2,69. Em comparação com a última pesquisa, a gasolina reduziu em 3,5%% o preço nas bombas, enquanto que o etanol apresentou redução de 9,1%. – A tendência é de que os preços caiam ainda mais, em breve. Toda vez que a empresa diminuir os preços, nós iremos repassar para os consumidores- explicou José Miguel, gerente do Autoposto SGR, com a bandeira da Shell. Os cinco postos que apresentaram diminuição no valor cobrado pelos combustíveis, reduziram em média R$0,10 na gasolina e R$ 0,20 no etanol. Na última pesquisa, o posto Shell da General Rondon, no Quitandinha, era o que cobrava o preço mais alto para os dois combustíveis, R$ 3,21 para a gasolina e R$ 2,74 para o etanol. Ontem, o litro dos produtos era vendido, respectivamente, a R$3,12 e R$ 2,59. O preço do álcool deve ser igual ou menor que 70% do preço da gasolina para que sua compra seja mais vantajosa, já que o rendimento do combustível é menor. Em Petrópolis, isso não foi verificado em nenum dos postos. A média do valor do etanol correspondeu a 81% do valor da gasolina, que nessa análise apresenta maior custo-benefício.

Fotos: Alan Alonso

Desde semana passada os postos vem baixando os preços

Bandeiras

Etanol

Gasolina

Repsol - Rua Hermogêneo Silva

R$ 2,49

R$ 3,05

Esso - Ponte Branca

R$ 2,49

R$ 3,09

Ipiranga - 13 de Maio

R$ 2,69

R$ 3,14

Shell - Coronel Veiga

R$ 2,62

R$ 3,12

Petrobras - Coronel Veiga

R$ 2,65

R$ 3,09

Sem bandeira - Coronel Veiga

R$ 2,29

R$ 2,96

Shell - General Rondon

R$ 2,59

R$ 3,12

Shell - Bingen

R$ 2,39

R$ 2,99

Sem bandeira - Bingen

R$ 2,19

R$ 2,79

Preços apurados em 24 de maio

Frango ganha espaço na mesa dos brasileiros Diante do alto preço da carne bovina, o frango vem ganhando cada vez mais espaço na mesa dos brasileiros. A ave é a carne que apresenta o melhor custo benefício e tornou-se ainda mais atrativa de algumas semanas para cá. O produto ficou 6,61% mais em conta segundo o acumulado de cinco semanas consecutivas em queda no índice de preços ao consumidor-semanal (IPC-S), medido pela Fundação Getúlio Vargas(FGV). O Diário de Petrópolis foi conferir ontem se esses números também são verificados em Petrópolis. Para isso pesquisamos o preço do produto em dois açougues e dois supermercados da cidade. O quilo do frango fresco oscilou entre R$ 4,49 e R$ 4,99, enquanto que o produto

Tranqüilidade para a sua empresa

Contabilidade de última geração, sistema avançado de informática Escrita Fiscal – Rotinas Trabalhistas e Folha de Pagamento Sistemática Departamento Jurídico – Direito Cível – Direito Trabalhista Projetos Econômicos – Análise de viabilidade e capacidade de sua empresa – Administração de Bens e Serviços – Corretagem e Administração de Imóveis – Equipe com treinamento especializado Direção Técnica: Márcio Tesch Economista – Corecon 10582 Advogado – OAB/RJ 59.566 Tec. Contab. – CRC/RJ 25.384-0

Rua do Imperador, 772 – Gr 105/106 – Centro Petrópolis – RJ. Tel/Fax: (024) 2231-6212 / 2231-3322

O preço do quilo do frango está atraindo os consumidores

congelado variou de R$ 3,19 à R$ 3,99. De acordo com o gerente do açougue Mercado das Carnes Vitrine, no Centro, houve redução. - O preço do frango diminuiu de uma semanas para cá, algo em torno de 5%. Percebemos também um aumen-

to no volume dessas vendas, na faixa de 10% - disse. O gerente do Açougue Sete também confirmou a informação e comentou sobre a preferência dos consumidores. - Houve mesmo uma redução de cerca de 5%. Os consumidores têm comprado

mais, principalmente os cortes de frango - comentou. O frango está mesmo em alta na mesa dos consumidores, que o diga a caseira Marcela Dutra. - É frango frito, frango assado, cozido, no almoço, na janta, no café brincou ela, confirmando que em função do preço das carnes, o produto tem sido uma opção constante. – Está cada vez mais difícil para o pobre comer carne de boi. O frango tem sido a alternativa mais em conta para termos carne na mesa- completou. A dona de casa Glória Melo também comentou a preferência pela Ave. – O Quilo de uma carne boa ta custando aí R$ 17 ou R$ 15. Está muito caro. A carne de frango e o peixe tem sido a solução no momento - disse.


8

56 anos

DIÁRIO DE PETRÓPOLIS

quarta-feira, 25 de maio de 2011

economia

Mais tempo para cadastro na tarifa social de luz Sabrina Craide/ABr

Os consumidores de baixa renda que ainda não se inscreveram no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal terão mais tempo para se cadastrar e, assim, garantir a manutenção dos descontos previstos na Tarifa Social de Energia Elétrica (TSEE). A decisão foi tomada ontem pela diretoria da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel). Quem consome mais que 65 quilowats-hora (kWh) por mês tem até o dia 1º de agosto para entrar no Cadastro Único. Para quem consome entre 40 kWh e 65 kWh, o prazo é 1º de setembro. Entre 30 kWh e 40 kWh, a inscrição deve ser feita até 1º de outubro. Para os usuários que consomem menos que 30 kWh, o prazo é 1º de novembro. Até o fim do ano, todas as famílias que têm direito ao benefício devem estar com a situação regularizada. No ano passado, a Aneel mudou as regras para conceder os descontos na tarifa de energia. Antes, o benefício era dado automaticamente para as unidades que consumiam menos de 80 kWh por mês, independentemente da renda familiar. Com as novas regras, a tarifa só será concedida às famílias inscritas no Cadastro Único, que inclui as famílias com renda mensal até meio salário mínimo por pessoa ou de três

salários mínimos no total. Quem ainda não está inscrito no Cadastro Único deve procurar a secretaria de Assistência Social do município onde mora ou entrar em contato com o Ministério de Desenvolvimento Social e Combate à Fome pelo número 0800-7072003. Após a inscrição, o consumidor deve procurar a distribuidora de energia elétrica que atende ao município para comprovar o cadastramento e continuar a receber os descontos da tarifa social. A concessionária vai encaminhar as informações à Aneel, que terá dez dias úteis para decidir se o consumidor se enquadra ou não nas regras da tarifa diferenciada. Entre o pedido do benefício à distribuidora e o enquadramento como beneficiário, o consumidor deve esperar, no máximo, 25 dias úteis. Com o desconto da tarifa social, a redução na conta de luz pode chegar a 65% para quem consome até 30 kWh por mês; 40% para aqueles que consomem entre 31kWh/mês e 100 kWh/mês; e 10% para famílias que gastam de 101 kWh/mês a 220 kWh/mês. O desconto chega a 100% para o consumo inferior a 50 kWh por mês para famílias indígenas e quilombolas que atendam a, pelo menos, uma das duas condições básicas para obter o benefício.

Resgates de curto prazo voltam a ter incidência de IOF Daniel Lima/ABr

Os resgates nas operações de renda fixa com prazo de até 30 dias voltarão a ter incidência do Imposto sobre Operações Financeiras (IOF) a partir de hoje. A nova regra está na Portaria 7.487 publicada ontem, no Diário Oficial da União. Segundo o subsecretário de Tributação e Contenciosos da Receita Federal, Sandro Vargas Serpa, desde janeiro, o IOF não era cobrado nessas aplicações de curto prazo. O imposto incidia apenas sobre os títulos públicos. Serpa não esclareceu porque o governo voltou atrás, mas, segundo ele, a medida evita a migração dos depósitos à vista para depósitos de renda fixa de curtíssimo prazo e estimula o mercado secundário desses títulos. Ficaram de fora, assim, as debêntures (títulos como forma de empréstimos à empresas), os Certificados de Recebíveis Imobiliários e as Letras Financeiras. Antes, já não estavam no enquadramento os Certificados de Direitos Créditórios do Agronegócio, as Letras de Crédito do Agronegócio e os Certificados de Recebíveis do Agronegócio. - Não tem nada de errado [em voltar atrás]. E nada deu errado. Há um acompanhamento constante do Ministério da Fazenda, que faz suas análises e toma as medidas corretas com a cautela devida, no prazo devido - explicou. Serpa disse ainda que a medida (de desonerar os resgates nas operações de renda fixa de até 30 dias) teve os efeitos desejados durante um período e, agora, o governo entendeu que chegou o momento de fazer as alterações. A portaria também traz medida para facilitar a vida dos pequenos empreendedores participantes do Simples Nacional que precisam de empréstimos no mercado financeiro. A partir de amanhã, eles não precisam mais

comprovar a condição de participante no Simples a cada operação de crédito e, com isso, ter o direito de pagar a alíquota reduzida de impostos. De acordo com o subsecretário, a medida vai beneficiar também as cooperativas. - A ideia, agora, é que ele [pequeno emprendedor] comprove [a condição de participante do regime diferenciado de impostos], para o banco, quando abrir a conta-corrente e só ao final quando deixar de ser integrante do Simples Nacional, deixando de apresentar a documentação a cada pedido de empréstimo.

Brasil e Argentina retomam reunião para discutir barreiras

Divulgação

Luciene Cruz/ABr

O secretário executivo do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior, Alessandro Teixeira, e o secretário da Indústria da Argentina, Eduardo Bianchi, retomaram ontem, em Buenos Aires, as negociações sobre as barreiras comerciais entre os dois países. Na reunião, que começou às 9h30, buscou-se uma solução para a dificuldade de liberação de produtos brasileiros nas fronteiras argentinas. Desde a última segunda-feira, representantes dos dois países estão reunidos na tentativa de resolver o impasse bilateral. De acordo com Teixeira, o encontro de ontem serviu para que fossem apresentadas as principais preocupações relativas ao comércio entre os dois países - A reunião foi produtiva. Ficou evidente a boa vontade dos dois lados. Segundo um técnico do MDIC, o objetivo da reunião é sair com um acordo fechado e, com isso, evitar que o problema seja negociado pelos ministros Fernando Pimentel e Débora Giorgi. O Brasil não está disposto a flexibilizar a regra de licenças não automáticas sem a contrapartida do governo argentino, diz o técnico. Há duas semanas, o governo brasileiro decidiu suspender a licença automática para os automóveis importados. A medida afetou direta-

O secretário executivo, Alessandro Teixeira, busca soluções para a liberação de produtos brasileiros

mente o comércio argentino. Com isso, a autorização pode demorar até 60 dias para ser liberada. A regra é a mesma que a Argentina tem adotado com os produtos brasileiros que ficam retidos nas alfândegas do país. Após troca de cartas e conversas telefônicas, este

é o primeiro encontro entre representantes brasileiros e argentinos desde que o Brasil iniciou o monitoramento das importações de carros prontos. Atualmente, produtos de 600 setores estão fora da licença automática na Argentina. Empresários de

vários segmentos reclamam de barreiras impostas pelo governo argentino a produtos brasileiros. Além disso, alguns prazos ultrapassam o limite máximo de 60 dias permitido pela Organização Mundial do Comércio (OMC), o que inviabiliza o intercâmbio comercial.

AVISOS E EDITAIS MANUTENÇÃO E MELHORIA NA REDE COM INTERRUPÇÃO NO FORNECIMENTO DE ENERGIA ELÉTRICA Visando prestar um serviço de melhor qualidade, a AMPLA comunica a seus clientes que interromperá o fornecimento de energia elétrica, para possibilitar a execução de obras e melhoramentos da rede, no município de Petrópolis, nas seguintes LOCALIDADESs28/05/2011, das 08:00h às 17:00h, Bingen: Rua João Xavier nº 249 e adjacências. Cliente Especial: Euromold Indústria e Comércio de Plásticos Ltda - ME O restabelecimento de energia poderá voltar antes do horário previsto.

SEPULTAMENTO Cemitério Municipal Luciana Pires, 52 anos, Quitandinha, 9h Elvira Miguez da Cunha, 74 anos, Duarte de Silveira, 10h Alcidéia Margarida Loureiro Rodrigues, 89 anos, Estrada da Saudade, 14h Laura da Silva Marcelino, 82 anos, Itaiapava, 11h30 Olga Fiúza Canedo, 93 anos, Centro, 16h30 Pedro Fernando Kling, 84 anos, Bingen, 16h15

a revisTa de foTografia Para Todos nÓs! Para todas as pessoas que se interessam por fotografia:

TesTes › TuToriais › Truques › Técnicas 07 nas Bancas

Cemitério de Itaipava 45x136mm

Valdivino Soares de Souza, 84 anos, Cebolas, 9h David Teixeira de Barros, 30 anos, Posse, 16h

92x124mm

Cartório a derevisTa 3º Ofíciode de Petropolis foTografia Terceiro Ofício - Petropolis - RJ 89x65mm

a revisTa de foTografia

Para Todos nÓ- Centro s! R. do Imperador, 1021

Para Todos nÓs!

Relação do Edital dia 25/05/2011 K<JK<J›KLKFI@8@J

Protestar em 26/05/2011 AROMA DA SERRA COMERCIO DE PERFUMES

07 / CPF CNPJ nas Bancas 011483786000161

ESTRADA UNIAO INDUSTRIA 11.00LOJA 56

O dia 25 de maio de 1981 caiu em uma segunda-feira e o DIÁRIO não circulou nesta data.

Pag: 1

Para todas as pessoas que se interessam por fotografia:

Acham-se afixados neste cartório, conforme a lei 9492/97, art. 15 $1 - Processo 89.877/99 CGJ/RJ, para serem qL<J›Ky:E@:8J Tru protestados os títulos de responsabilidade de:

OBS. AS INFORMAÇÕES ACIMA SÃO FORNECIDAS AO DIÁRIO POR FUNCIONÁRIOS DAS SECRETARIAS DOS CEMITÉRIOS,

Há 30 anos o Diário publicava

25/05/2011

Número: 492769893

DUPLICATA MERCANTIL

Vencto: 10/05/2011 Para todas as pessoas que se interessam por fotografia:

TesTes TuToriais Truques Técnicas 07 nas Bancas

Cheque Administrativo

Emissão:27/01/2011 Custas

106,39 Total

Valor:

Portador/ Cedente / Sacador

Protocolo

237 - BANCO BRADESCO S A

7989

BANCO SAFRA S/A

23/05/2011

SOFCON SOC. FRANCHISING & CONS

229,03

335,42 ou Dinheiro Custas

106,39 Cpmf

0,00 Tarifa

14,03 Total

349,45

Intimo-os a pagarem ( através de cheque administrativo ou dinheiro com guia de pagamento a ser retirada neste tabelionato ), ou no caso da falta de aceite, comparecer para aceita-lo, ou dar-me as razões por que não o faz. Ficando assim já intimado do respectivo protesto no prazo estipulado na forma da lei. Petropolis, 25/05/2011 João Correia Lima Neto - Escrevente DPBR07 GLACÊ


MOSELA

Na paróquia de São Judas Tadeu a secretaria tem expediente de terça-feira a sexta-feira de 16h30 as 18h30 e os eventos religiosos podem ser informados pelo telefone 2245 7344. O pároco é o padre Luiz Garcia Mello e o vigário paroquial é o padre Nerel Quirino Damasceno.

D

iário nos

do no ano passado quando a Associação de Moradores pesquisou a mudou o nome da comunidade de sertão para Vale do Carangola, visitantes constataram a integração de Aline Reis da escola para a comunidade. Na ocasião, o público local já destacava o trabalho da diretora junto a alunos, pais e a localidade de um modo geral.

Inscrições para curso da pastoral continuam abertas Continuam abertas as inscrições para o curso de formação e capacitação de novos agentes da Pastoral da Sobriedade, da Diocese de Petrópolis. O prazo termina no dia 10 de junho e os interessados podem procurar as secretarias das paróquias da cidade onde confirmam a participação no ensinamento que será do dia 15 ao 17 de julho.

O curso de novos agentes será na Casa do Padre, na Rua Coronel Veiga, 1.705, na Ponte do Fones. O valor é de R$ 60,00 já incluídos os livros didáticos e despesas. O interessado deve ter tempo disponível para fazer parte da pastoral e as inscrições no centro podem ser feitas na secretaria da Igreja Nossa Senhora do Rosário, na Praça da Inconfidência.

Cineclube uniu esporte e cinema num só evento Na sexta-feira passada o cineclube de Araras promoveu um evento diferente. O professor de Capoeira, mestre Suspeito e seus alunos fizeram uma apresentação especial para quem foi assistir ao filme Esporte Sangrento, tem como tema principal a arte da capoeira. Ele foi exibido logo após a apresentação. O filme exibido na Es-

B

airros Ailson Souza

diarionosbairros@diariodepetropolis.com.br

Diretora de escola do Vale do Carangola é homenageada A diretora Aline Reis, da Escola Municipal Lucia de Almeida Braga, do Vale do Carangola, será homenageada hoje com uma moção congratulatória na Câmara de Vereadores. A iniciativa é do presidente da Casa Paulo Igor (PMDB) ao destacar os trabalhos realizados pela homenageada a frente da instituição. No plebiscito realiza-

56 anos

DIÁRIO DE PETRÓPOLIS

quarta-feira, 25 de maio de 2011

cola Estadual de Araras, revela como a capoeira pode mudar comportamentos de forma positiva. E o que demonstrou na prática mestre Suspeito e seus alunos que além de empolgarem a platéia com técnica, mostraram que disciplina e alegria podem caminhar juntas perfeitamente. A maior parte do público foi de estudantes.

9

ALCOÓLICOS ANÔNIMOS

Reuniões de hoje 19h: Grupo 27 de Maio, Rua Bingen, 261. 19h30: 28 de Janeiro, Rua Paulo Barbosa, 180, Centro; Amor e Atração, Av. Leopoldina, 596, Nogueira; Bingen, Rua Santa Rita de Cássia, 30, Castrioto; Castelânea, Praça Pasteur, 79; Petropolitano, Rua Santos Dumont, 100.

Solicitada segurança no lugar Moradores se manifestam sobre vandalismo na Rua Dr. Sá Earp e ainda denunciam perigo de assaltos na Rua do Trem Ao tomar conhecimento da ação de vândalos na madrugada de segunda-feira quebrando vidros de Escola Germano Valente, no início da Rua Dr. Sá Earp, moradores do Alto da Serra que usam a Rua do Trem lamentaram o fato e reforçaram o pedido de segurança no local. Confirmaram que maus elementos promovem algazarras toda semana.

- A polícia poderia fazer rondas nas noites e madrugadas dos dias de final de semana e constatar que o vandalismo e criminalidade acontecem – pediu e informou Vanda Ribeiro, moradora da Rua Padre Feijó, ao lembrar que foi vítima. – Eu já fui assaltada na Rua do Trem no final do ano passado quando passava próximo da Travessa da Ligação na

noite de uma sexta-feira. Já o morador José Carlos Amorim, afirmou que viu menores jogando pedras contra residências na Rua Dr. Sá Earp. - No local não tem segurança nenhuma e é preciso que as autoridades passem sempre à noite por lá – acusou e reivindicou. – Uma noite dessas vi os menores atirarem pedras e não pude

fazer nada. A presidente Fernanda Ferreira, da Comissão Municipal de Atuação Comunitária de Petrópolis – COMAC – denunciou na segunda-feira pela manhã o vandalismo contra a Escola Germano Valente. Citou que o zelador quando abriu a escola pela manhã deparou com nada menos do que dez vidros quebrados.

Líder comunitário lamenta falta de atenção ao carente Chateado com a falta de liberação de mais um horário de cortesia na quadra do Parque Cremerie, o presidente Marcos Borges, o Sagati, da Associação de Moradores do Sitio do Pica Pau na Dr. Thouzet, lamentou ontem a situação. Mesmo assim ele disse que espera o atendimento por parte da Companhia do Desenvolvimento de Petrópolis – COMDEP – que administra o local. Sagati lembrou que aos sábados de 8h às 9h quando jogam os menores de até 12 anos de idade, o

horário é cedido graciosamente. Entretanto, de 10h às 11h a COMDEP não está abrindo mão da cobrança de R$ 20,00. - Nossa comunidade é por demais carente e os R$ 20,00 eu uso para a compra do lanche para os atletas. Ao finalizar o presidente da associação esclareceu que de 10h às 11h jogam os adolescentes e que ele não pode misturar os menores com eles. Afirmou que tem total apoio da Secretaria de Esporte no projeto que evita o envolvimento dos jovens

Quadra da Dr. Thouzet não comporta projeto do Pica Pau

e crianças com a criminalidade já que a comunida-

de é por demais envolvida com o tráfico.


10

56 anos

DIÁRIO DE PETRÓPOLIS

QUARTA-feira, 25 de maio de 2011

ESPORTES

edsondiario@yahoo.com.br

Petrô quer festa inesquecível no centenário Uma homenagem muito – muito mais que merecida - Foi realizado neste final de semana o Torneio Hugo Cross de Tênis de Campo, reunindo cerca de 60 tenistas divididos em duplas nas categorias A-B e C, com grandes jogos e premiação prestigiadíssima acontecendo no espaço da nova churrasqueira da pérgula da piscina do alvinegro, os grande campeões na classe A Claudão e Luiz Guilherme Tré, na classe B, Tibiriçá e Mendes e na classe C, Ladvocat e Estéfano que em um jogo e mais de duas horas, realizaram a partida mais longa da competição derrotando na final a Paulo Areas e Serjão em jogo emocionante no tie-break decisivo. A premiação contou com muitos tenistas e seus familiares, destaque para o Mendes que estava lá com toda a família inclusive as netinhas, emocionante homenagem ao professor Hugo Cross foi encerrada com palavras do presidente do Petrô Arnaldo Rippel, relembrando grandes fatos e feitos do professor Hugo na história do tênis carioca, Petropolitano e nacional e sua filha Vivian Cross emocionadíssima entregou bela placa de prata ao homenageado. Receberam troféus o primeiro e segundo colocados em cada categoria, e medalhas para o terceiros e quarto colocado. Homenagens especiais para o quarte-

to que agita e muito o tênis do Petropolitano Foot-Ball Club, Luis Enéas, Ricardo Pinto, Serjão e doutor Milton Lopes. Nas próximas coluninhas completa cobertura fotográfica do Torneio Hugo Cross. Djokovic continua sem freio - Novak Djokovic disparadamente o melhor tenista da temporada alcançou na primeira rodada do Grand-Slam de Roland Garros, a incrível marca de quarenta vitórias seguidas no Circuito Mundial, faltam apenas seis para que o Sérvio bata o recorde de vitórias. E dependendo dos resultados do Aberto da França, ele pode inclusive já nesta competição alcançar finalmente o tão almejado posto de número 1 do Ranking mundial....Certamente o Aberto da França promete muitas e muitas emoções... Mudanças no tênis gourmet Tânia e Paulo Areas - super casal motiva principal e organizador do Tennis Gourmet anunciando mudança de calendário para o evento que já se tornou sucesso absoluto de crítica e público no tênis petropolitano, motivo por ser realizado as quintas

feiras, a galera ficava com uma sexta-feira prejudicada dormindo tarde etc e tal, por isso o evento a partir de Junho será realizado as sextas-feiras e agora quinzenalmente, nesta sexta o casal Celso e Lúcia recebem seus amigos para a última edição no formato anterior e os habituées como Arildo, Ines, Bel e Bia, Luizinho da Portela, Mignon, Ivan Rgazzai e Patrícia, Décio Lôbo, Fernandinho, Maurício, Ana Paula, Ricardo Pinto, Serjão emuitos outros estarão prestigiando o suculento e saboroso evento.... Bellucci vence na estreia - Thomaz Bellucci em jogo de mais de três horas, derrotou na estréia de Roland Garros ao Cazaque Andrey Golubev por três sets a hum e encara na segunda rodada a o tenista italiano - jogo hoje- Andres Seppi número 51 da ATP.... Destaques fotográficos de hoje para o presidente do conselho fiscal alvinegro José Aníbal dos Prazeres na Internacional Mesa da Sardinha.

Faltando 40 dias para o aniversário de 100 anos do Petropolitano são intensos os preparativos para a comemoração desta data em grande estilo. Os departamentos do clube estão vivenciando a expectativa de festejar de forma inesquecível o dia 4 de julho de 2011. Mas os festejos e as comemorações não se restringirão somente a este dia. Eles acontecerão diariamente durante o mês de aniversário. Os eventos sociais, esportivos, culturais e religiosos, as homenagens, as exposições, enfim tudo preparado com muita dedicação , sob o comando do presidente Arnaldo Rippel, que desde a sua posse na direção do clube em 2005, espera com ansiedade por este período que, com certeza, ficará marcado na história do Petropolitano F. C. - Todos os membros do departamento de esportes já estão vivendo o clima do cen-

Divulgação

Foto mostra a inauguração do campo do Petropolitano em 1932

tenário, procurando transmitir para todos os atletas e responsáveis pelas atividades esportivas do Petrô, a motivação, a dedicação e o carinho de que todos devem estar imbuídos para comemorar com muita alegria esta data histórica para

o nosso clube e procurando representar dignamente as cores alvinegras, de tantas glórias e vitórias conquistadas nestes 100 anos bem vividos – disse Délio Kronemberger, vice-presidente de esportes do clube.

Diario de Petropolis  

Artigos, Colunistas, Cidade, Esportes

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you