Page 1

brasil: p04

BRASIL: p03 Julgamento do “mensalão” levanta questões sobre atuação do Supremo Tribunal Federal

Octo 23rd - Nov 05th 2012

Conheça o Conectando Informações, projeto do TBP para aproximar o Brasil e Londres

LONDON EDITION

www.brazilianpost.co.uk • Issue n. 74

REINVENTANDO OS POUNDS Com a notícia de que, pela primeira vez, uma cidade do Reino Unido (Bristol) lançou sua própria moeda e com o Brixton Pound celebrando seu terceiro aniversário, o The Brazilian Post decidiu focar neste revolucionário movimento de moedas complementares. Leia mais nas páginas 2 e 8 >>


02 |

October 23rd - November 05th 2012

Capa DESENVOLVIMENTO LOCAL

Moedas complementares à serviço da comunidade Mortimer, Marketing & Media LTD CEO Marcelo Mortimer marcelo@brazilianpost.co.uk Editora chefe Ana Toledo ana@brazilianpost.co.uk Editor Kate Rintoul Guilherme Reis Cool Hunter Zazá Oliva ENTRETENIMENTO Ricardo Somera Economia Christiano Holanda Food Saulo Caliari Perfil Rômulo Seitenfus

By Kate Rintoul Parece que não passamos uma semana sem notícias de algum escândalo envolvendo grandes negócios e bancos. A manipulação de taxas pelo Barclays, o aumento nas tarifas do transporte público e, mais recentemente, a notícia de que a Starbucks não pagou impostos por três anos são todos fatos que tornam mais difícil saber em quem confiar e para onde nosso dinheiro está indo. Com as multinacionais dominando o setor de serviços e de varejo, às vezes sentimos que não temos a escolha de tomar uma posição contra eles; mas, nos últimos três anos, quem vive em Brixton tem encontrado uma alternativa. Lançado em 2009 com a intenção de manter o dinheiro e os investimentos na região, o Brixton Pound é uma moeda local que pode ser trocada por libra gratuitamente e que é utilizada para pagamento de bens e serviços. A julgar pelo sucesso do Brixton Pound - estima-se que há cerca de £70.000 em circulação -, esta é uma ótima maneira de impulsionar a economia local e dar mais poder aos consumidores quanto ao lugar onde eles gastam seu dinheiro. Com a notícia do mês passado de que, pela primeira vez, uma cidade do Reino

Unido (Bristol) lançou sua própria moeda e com o Brixton Pound celebrando seu terceiro aniversário, o The Brazilian Post decidiu focar neste movimento revolucionário em sua intenção de mudar nossa relação com o dinheiro. O crescente sentimento de consciência social, a transição para energias alternativas e também a crise do capitalismo ocidental levam as pessoas a começar a procurar alternativas e, em todo o Reino Unido, essas pessoas têm sido a força motriz no lançamento de iniciativas locais. O Reino Unido tem agora cinco moedas locais complementares: Totness, Lewis, Stroud, Brixton e agora a Bristol pound. Todas estas iniciativas têm como objetivo manter o dinheiro na região e incentivar os consumidores a comprar de empresas locais, além de estimular negócios entre os próprios comerciantes. Enquanto muitos podem nunca ter ouvido falar dessas iniciativas, os exemplos do Reino Unido são apenas alguns de muitos projetos do tipo em todo o mundo, muitos deles no Brasil, que estão provando o poder comunitário em um mundo globalizado. Com uma grande comunidade brasileira e portuguesa vivendo em Brixton, decidimos descobrir mais sobre como

as coisas estão indo nesta área que tem passado por uma rápida mudança e tem se tornado em grande exemplo de regeneração local em Londres. “Somos provavelmente a moeda complementar mais bem sucedida no Reino Unido em termos de comércio entre empresas, volume de negócios, pelo fato de que o interesse ainda é alto e também por conta dos projetos inovadores que continuamos a lançar”. Mehul Damani, gerente de operações da libra de Brixton, me disse quando nos encontramos no Kaff, um bar/café na Railton Road. Tendo estudado economia e trabalhado no departamento de operações de um grande banco de investimento, foi um trabalho de Damani para o Greenpeace e seus projetos comunitários que o levaram a trabalhar com o B£, e ele não olhou para trás desde então, construindo grandes relacionamentos com empresas locais e os residentes. “Realmente é preciso garantir níveis altos de engajamento das empresas e moradores, por isso temos uma presença em eventos da comunidade e nossos próprios eventos onde dizemos às pessoas sobre a libra de Brixton e as incentivamos a usá-la”. >> Continua na Página 08

Esporte Tico Silvério Travel Janinne Veloso What’s on Cibele Porto Graphic Design Roman Atamanczuk Jig Sarvaiya Traduções Roberta Schwambach Departamento Comercial Marcelo Mortimer | 078 2816 5812 Jornal Associado El Ibérico Distribuição BR Jet Emblem Group Ltd Publicado por Mortimer, Marketing & Media LTD 34 Quixley Street, London | E14 9PU 020 7093 1413


Brasil | 03 OPINIÃO

Tribunal de exceção Por Ari Silveira Saudado pela mídia oposicionista como uma espécie de redenção do Brasil, um divisor de águas da ética na política brasileira, o julgamento do escândalo conhecido como “mensalão” deverá ser questionado nas cortes internacionais de Justiça. De uma hora para outra, líderes históricos do Partido dos Trabalhadores, com uma trajetória de luta contra a ditadura militar, quando sobreviveram à prisão, à tortura e ao exílio, passaram a ser tratados em redes sociais como “os maiores vilões da história do Brasil”. Para entender melhor esse imbróglio, voltemos a 2005, terceiro ano do primeiro mandato do governo Lula. Denúncias de corrupção nos Correios atingiram um dos partidos da base de sustentação do governo, o PTB, que antes da eleição de Lula sempre estivera aliado aos adversários do PT. Acuado, o então presidente petebista, deputado Roberto Jefferson (RJ) deu uma entrevista bomba, denunciando um suposto esquema de pagamendo de mesadas a parlamentares que votassem pela aprovação de projetos de interesse do governo, o chamado “mensalão”. O caso virou tema de uma CPI mista no Congresso e deu à oposição munição para atacar o governo e sonhar com a deposição do então presidente Luiz Inácio Lula da Silva. As investigações revelaram que havia um esquema de distribuição de verbas não contabilizadas de campanha para parlamentares do PT e de partidos aliados, por intermédio do publicitário mineiro Marcos Valério, que ficou conhecido como “valerioduto”. Nunca ficou demonstrada, porém, uma relação direta entre esses pagamentos e o resultado de votações no Congresso, embora essa tenha sido a tese que prevaleceu nas investigações e no julgamento. Essa versão tem inconsistências: por que parlamentares do partido do presidente precisariam ser comprados para votar com o governo? E como explicar que até parlamentares da oposição ajudaram a aprovar as propostas governistas? Teriam eles também recebido a mesada, o “mensalão”? As investigações mostraram ainda que o esquema de Marcos Valério era anterior ao governo petista. Começou no PSDB mineiro, em 1998, e envolveu recursos da campanha do senador tucano Eduardo Azeredo ao governo de Minas e do presidente Fernando Henrique Cardoso à reeleição. No entanto, por parte da mídia, era gritante a diferença de tratamento entre o “mensalão do PT” e o dos tucanos, que ficou conhecido como o “mensalão mineiro”. Vale destacar que esse tipo de distribuição de verba entre partidos aliados é prática constante na política brasileira e não um escândalo isolado, como a grande mídia tenta nos fazer crer. Além da Comissão Parlamentar Mista de Inquérito, a Polícia Federal também apurou o caso. As investigações foram

Supremo Tribunal Federal durante o julgamento do mensalão. Foto: Agência Brasil encaminhadas ao Ministério Público Federal e o procurador-geral da República, Roberto Gurgel, formalizou a denúncia ao Supremo Tribunal Federal (STF). Sem provas concretas, apenas com base em indícios e depoimentos de acusados, Gurgel acusou José Dirceu, ex-ministro-chefe da Casa Civil, de chefiar o esquema. A denúncia também incriminou o ex-presidente do PT José Genoíno. No Supremo, o relator do processo foi o ministro Joaquim Barbosa, que aceitou os argumentos de Gurgel e pediu a condenação de todos os réus. Para saciar a sanha condenatória dos setores conservadores, a maioria dos ministros do STF foi buscar no Direito alemão um instrumento chamado “Teoria do Domínio do Fato”, que acabou sendo usado basicamente para condenar Dirceu e Genoíno por corrupção com base em meros indícios e ilações. Pela teoria, se o dirigente partidário sabia das irregularidades e não usou o seu poder para impedir que elas ocorressem, ele também pode ser condenado. O problema, conforme explica o jurista Pedro Abramovay, da FGV Rio, em artigo publicado na Folha de S. Paulo, é que, mesmo se considerando essa teoria, seria necessário provar que o réu sabia, que tinha poder sobre os atos ilícitos e que sua vontade foi fundamental para que eles ocorressem. E as provas concretas não apareceram, apenas “tênues indícios”. Também foi questionado o fato de não ter sido desmembrado o processo, já que alguns réus tinham “foro privilegiado”, ou seja, só poderiam ser julgados pelo Supremo, em razão do cargo que ocupavam, e outros não. Diferentemente do que ocorreu no processo do chamado “mensalão do PSDB”, todos os réus foram julgados pelo STF, que é a corte de última instância, sem possibilidade de recurso a uma instância superior.

Além disso, apesar das evidências contrárias, prevaleceu entre os ministros do STF a interpretação de que o escândalo foi um esquema de compra de votos em votações pontuais, e não um esquema de compra de apoio parlamentar mediante distribuição de sobras do caixa 2 de campanha – não que esta hipótese seja menos criminosa, mas é que ela desmontaria toda a argumentação usada para incriminar Dirceu e Genoíno. Outro ponto questionável foi a interpretação de que a bonificação por volume (BV), prática usual de veículos de comunicação que oferecem descontos às agências pelo volume de peças publicitárias veiculadas de todos os clientes, é desvio de dinheiro público quando envolve verba de um cliente estatal, mesmo que de direito privado (empresa pública ou sociedade de economia mista). O dinheiro do “valerioduto” vinha de campanhas da

Visanet, atual Cielo, que tinha entre seus acionistas o Banco do Brasil. A condenação de Genoíno e Dirceu abre um precedente perigoso. No Direito brasileiro, todos costumavam ser considerados inocentes até prova em contrário. O ônus da prova era de quem acusava. Uma condenação sem provas é uma ameaça ao Estado de Direito, que gera uma enorme insegurança jurídica. Vamos ver como é que o Supremo vai se comportar daqui para a frente. O que se espera agora do Supremo é que os outros escândalos a serem apurados e julgados, como o do “mensalão do PSDB”, sejam tratados com o mesmo rigor, caso contrário ficará provado que o caso do “mensalão” teve um julgamento de exceção. Não se pode admitir que a seletividade das denúncias na mídia, o velho hábito hipócrita de usar dois pesos e duas medidas, continue contaminando a Justiça.

Os 10 maiores escândalos A oposição e a quase totalidade da mídia tentaram vender o caso como “o maior escândalo da corrupção da história”, algo que os números, por si só, desmentem. Enquanto a Veja – que ainda é a revista semanal de maior circulação no país, mas vem perdendo leitores em grande parte por causa do descompromisso com a verdade factual e pelo engajamento escancarado na campanha contra o PT e a esquerda em geral – e seus blogueiros tentam sustentar essa versão, uma reportagem da revista Mundo Estranho, da mesma Editora Abril, demonstra que o “mensalão” ocupa um modesto 9º lugar entre os 10 maiores escândalos de corrupção dos últimos 20 anos com um valor de aproximadamente R$ 55

milhões (mas que poderia chegar a R$ 100 milhões). À frente aparecem o dos “sanguessugas” (2006), com R$ 140 milhões, da Sudam (1999), com R$ 214 milhões, da Operação Navalha (2007), com R$ 610 milhões, dos “anões do Orçamento” (1992), com R$ 800 milhões, do TRT-SP (1999), de R$ 923 milhões, do Banco Marka (1999), com R$ 1,8 bilhão, dos “vampiros” (2004), de R$ 2,4 bilhões, e das contas CC5 do Banestado (2000), com um rombo de R$ 42 bilhões. O ranking da Mundo Estranho não inclui a “privataria”, esquema de privatizações fraudulentas que deixou um prejuízo de R$ 100 bilhões aos cofres públicos no governo FHC (19952002), o equivalente a pelo menos mil “mensalões”.


Brasil | 04 |

October 23rd - November 05th 2012

CONECTANDO INFORMAÇÕES

Entre Brasil e Londres, muitos podem falar A constante evolução dos meios de comunicação transforma não apenas o suporte e formato da notícia – cada vez mais difundida através dos meios digitais –, mas também a relação entre emissor e receptor. Se por muito tempo o controle dos meios de comunicação por poucos grupos representou o monopólio sobre o que é ou não é notícia, hoje caminhamos cada vez mais para uma sociedade conectada em redes, que utiliza-se da internet para difundir o que se passa ao seu redor, sem que a necessidade de intermediários seja fundamental para os fatos chegarem ao conhecimento das pessoas. A chamada revolução das redes mudou a forma como as pessoas se comunicam entre si e com o mundo globalizado em que vivem. Londres, uma das cidades mais cosmopolitas do mundo, conta com uma grande comunidade brasileira. Com a intenção de se comunicar com esta comunidade, o The Brazilian Post nasceu há dois anos. Em paralelo, o Brasil vem se tornando foco de atenção mundial por sua presença internacional e atrai cada vez mais interesse ao redor do mundo. Neste sentido, o The Brazilian Post lançou, no começo de 2012, um projeto que busca abrir nossa publicação para que mais olhares possam ser expressados e, assim, darmos um salto de diversidade no que divulgamos. Trata-se do projeto Conectando Informações, que consolida-se como ferramenta de trocas entre universitários e nosso jornal. Visando mostrar o Brasil em toda a sua diversidade, o TBP firmou parceria com universidades brasileiras para que seus estudantes, principalmente dos cursos de jornalismo e comunicação social, pudessem enviarnos matérias produzidas nas salas de aula – o que nos

mostra um Brasil mais interiorano, mais tradicional e (por que não dizer?) mais brasileiro. “Além de uma maior diversidade de fontes e informações, o projeto proporcionará aos leitores do The Brazilian Post conteúdos que muitas vezes não estão nas manchetes dos principais jornais do país, que normalmente restringem-se ao eixo Rio-

São Paulo. Nosso público, de brasileiros em Londres, muitas vezes busca informações mais locais das suas regiões de origem. E, neste sentido, acreditamos que o Conectando Informações pode nos ajudar a suprir esta demanda, já que a intenção é realmente veicular conteúdos locais de todas as regiões do Brasil. Mesmo para o leitor em inglês, é interessante ver informações locais, conteúdos que não serão vistos nas grandes redes de comunicação”, enfatiza a idealizadora do projeto e editora chefe do The Brazilian Post em Londres, Ana Toledo. O sucesso deste projeto nos fez almejar ampliá-lo e passamos agora a buscar parcerias também com universidades britânicas e seus estudantes para, assim, mostrarmos cada vez mais a realidade que nos cerca aqui em Londres e que muitas vezes não é transmitida nos grandes jornais internacionais. Os interessados podem contribuir com matérias jornalísticas que envolvam temas locais, nacionais e internacionais, nas diversas editorias do TBP, entrando em contato pelo e-mail contato@brazilianpost. co.uk. “A ideia é um intercâmbio de informação que propicia um salto de diversidade, multiculturalidade e qualidade no conteúdo do The Brazilian Post. E, ao mesmo tempo, abre um espaço para que o material produzido dentro das universidades seja publicado. Não temos um formato fechado e rígido. Objetivo é realmente informar com a troca de conhecimento”, diz Ana Toledo. Para conhecer mais o projeto Conectando Informações e sobre o trabalho que vem sendo realizado pelo The Brazilian Post, acesse nosso portal web (www. brazilianpost.co.uk) e curta nossa página no Facebook (www.facebook.com/thebrazilianpost).


05

Comunidade APRENDIZADO

Trocando idiomas Por Nathália Braga Na cosmopolita Londres, encontrar pessoas de diferentes nacionalidades faz parte da rotina dos moradores da cidade. Mas fazer amizades em um país estrangeiro ou então com pessoas que talvez não falem bem a sua língua nem sempre é fácil. Para explorar o lado multifacetado da capital inglesa e proporcionar aprendizado de idiomas é que existem os grupos de troca de língua ou “exchange language”, como são definidos em inglês. A quantidade destes grupos pela cidade é incontável, mas o perfil deles é quase sempre o mesmo: as reuniões acontecem uma vez por semana em um pub na região central – tudo combinado previamente por meio de sites ou página no Facebook. Geralmente, os encontros são para prática de dois idiomas, por exemplo, português e inglês ou chinês e inglês. Mas também acontecem encontros que misturam outras línguas, como italiano, espanhol, japonês e

francês. Outra função dos grupos está relacionada aos eventos sociais, com encontros em baladas, parques e pubs. Durante a noite, entre uma pint e outra, além de fazer novos amigos, os participantes interagem com alguém que queira aprender sua língua, mas também esteja disposto a passar o que sabe. No caso do português-inglês, uma pessoa fluente em inglês ou nativa irá conversar com um brasileiro para aprender português, mas também ensinar o inglês. A diferença é que a troca possibilita muito mais interação do que em uma sala de aula, por exemplo. “As pessoas podem, definitivamente, melhorar o nível de outra língua praticando com nativos. Muita gente estuda inglês ou outras línguas na escola ou em casa, mas não têm a oportunidade de praticar fora destes ambientes. Praticando o que eles aprendem estudando, são muito mais propícios a lembrar e desenvolver o conteúdo”, diz o organizador de um dos grupos existentes em Londres, o Mammoth London

Language Exchange, que começou em novembro do ano passado e atinge o público de homens e mulheres entre 18 e 40 anos interessados em aprender diversas línguas como inglês, francês, russo, português e japonês. São mais de 2.000 membros, sendo que cerca de 200 comparecem às reuniões semanais às quartas-feiras em um pub perto de Leicester Square e cerca de 100 pessoas vão aos outros tipos de eventos sociais, que segundo o organizador do grupo, Chandresh T., é um dos grandes lados do Mammoth. Entretenimento e aprendizado Outro exemplo é o grupo que faz parte da companhia West End Club London, que foi criado há cerca de sete anos e que tem suas reuniões às quintas-feiras no pub Penderel’sOak, em Holborn, normalmente com prática de italiano e inglês, mas periodicamente com outros idiomas também. Os encontros são divulgados pelo site Meetup.com, que também divulga reuniões que acontecem no mesmo pub em Holborn toda quarta-feira às 19h30, porém com foco em português e inglês.

Para o organizador deste outro grupo, Ian Proctor, um dos principais benefícios deste tipo de evento é a possibilidade não só de conversar com pessoas fluentes no idioma, mas de ter contato com os diferentes sotaques e gírias que não estão nos livros de gramática. “Estou nisso há mais ou menos cinco anos e definitivamente eu vi melhora em vocabulário, fluência e confiança. Encorajamos as pessoas a começarem a falar porque praticar é a melhor maneira de melhorar a conversação. Apesar de não ser obrigatório participar toda semana, incentivamos as pessoas a virem o mais frequentemente possível”, ressalta. Outro grupo com foco em português e inglês é o Caipirinha Club, que começou com o objetivo de proporcionar aos estudantes brasileiros a oportunidade de treinar o inglês. Com a participação de cerca de 40 pessoas, as reuniões acontecem toda primeira quintafeira do mês, no Las Iguanas Bar, em Spitalfields Market, às 18h45. Além disso, são organizados passeios para shows, restaurantes e eventos ligados ao Brasil.


Comunidade | 06 |

October 23rd - November 05th 2012

http://vidaeobrademimmesmo.blogspot.co.uk/

OMBUDSMAN Esta é a seção em que o Brazilian Post ouve a opinião do leitor sobre a matéria de capa da edição anterior. Você pode enviar a sua opinião também, participe! Envie um e-mail para contato@ brazilianpost.co.uk “Eu acho que o acordo do Brasil com a Inglaterra vai beneficiar muitos brasileiros que estão aqui e a juventude brasileira em geral que está interessanda em viver o sonho de estudar fora do país e aprender uma cultura diferente”. - Elias Carvalho, Rio de Janeiro


Comunidade| 07 PERFIL

O senhor dos guardaroupas

Foto: por Rômulo Seitenfus

Por Rômulo Seitenfus O desejo de subir de cargo, a necessidade de ingressar em um bom emprego, conquistar alguém que almeja por perto, reconquistar ou manter uma relação; são todos motivos que fazem o telefone do brasileiro Júnior Ribeiro não parar de tocar. Cheguei à Oxford Street, no centro de Londres, para entrevistar o senhor dos guarda-roupas. Enquanto caminhava pela calçada das compras, pessoas de diferentes estilos desfilavam pela rua movimentada. O barulho dos carros e os clássicos táxis ingleses que abriam as portas para acomodar mulheres elegantes tornaram o cenário ideal para inspirar esta reportagem. O Image Coach transforma a imagem de políticos e personalidades, invade os closets de seus clientes e estuda estratégicamente o estilo ideal. Ele vai às lojas da cidade mais cosmopolita da Europa à procura das melhores peças. A busca por bom gosto e estilo são seus requisitos básicos na construção visual de uma grande mudança. Para Ribeiro, a autoestima é a principal ferramenta no poder da realização e no processo de inserção social. “Muitas pessoas apresentam baixa autoestima e dificuldade de se identificar, não se sentem bem com a imagem que possuem, e isso se reflete nos momentos sociais. É muito importante sentirse confiante tanto no trabalho, quanto na vida social e afetiva. Penso que o coach de imagem deve trabalhar o exterior ligado ao interior da pessoa”, reflete. Ao ser questionado sobre o primeiro contato com o cliente, o profissional explica como conduz a conversa. “Primeiramente analiso o tipo físico, ele preenche um questionário e iniciamos um estudo estratégico. Depois disso vem a reorganização do guarda-roupa e um processo de eliminação de peças já ocorre na primeira visita ao closet.

Todo o acervo que não fica bem no corpo da pessoa, não deve mais estar ali. Nesse momento começa o plano de compra e a busca por um estilo burilado, é o que vai definir a boa imagem”, explica. O processo de mudança é efetuado por um serviço interdisciplinar - Júnior atua juntamente com outros profissionais. “Existe um caminho a ser percorrido e isso funciona como uma revolução nas relações. Acompanho meus clientes no salão de beleza, lojas de roupas, academias de ginástica. Geralmente sugiro novo corte de cabelo com estudo de visagismo, aulas de automaquiagem, visitas ao nutricionista e personal trainer. Há casos em que a busca pela mudança de imagem vem da baixa autoestima por algum problema enfrentado na infância ou adolescência. Nesses casos ofereço uma consulta com o psicólogo. O ideal é unir a imagem física com autoestima e bem estar”, revela. Segundo ele, o resultado do seu trabalho o faz sentir-se estimulado para ajudar ainda mais pessoas. “Muita gente têm uma autoimagem distorcida. Algo que sempre converso com meus cliente é que o importante não é estar bem somente para certas ocasiões, mas todos os dias, porque essa mudança se faz primeiramente com o espelho e para você mesmo. Depois isso resulta em sucesso no mundo

externo. É impressionante como os clientes apresentam a mudança depois do trabalho realizado. Eles relatam que percebem os olhares de aprovação da mudança. Os amigos, colegas de trabalho, pessoas que as rodeiam expressam isso. Esse retorno das outras pessoas em relação à sua aparência vai influenciar significativamente na realização dos seus projetos, metas e sonhos”, garante. Para o expert, uma pessoa de destaque não passa despercebida e é isso que o faz ser tão exigente em relação à imagem de quem está à sua frente. “Requinte e elegância são aspectos fundamentais. Não aceito o normal ou o simples. Tem que ser diferente”, avisa. Perguntado sobre o que pensa sobre a relação entre bom gosto e preços baixos, ele responde rapidamente. “Bom gosto não está ligado ao financeiro. Você pode se vestir bem, mesmo sem possuir uma peça de grife. Em Londres há lojas alternativas espalhadas pelos bairros mais interessantes e podemos encontrar roupas incríveis por bons preços. É claro que se você quiser vestir as grandes marcas é ótimo. Porém, não é isso que vai demonstrar o seu bom gosto. Não adianta você entrar em lojas caras se não souber escolher as peças. Bom gosto é muito mais importante do que preços altos”, garante.

ID Um livro: Coragem, Osho Um filme: Coração Valente Uma música: Oceano – Djavan Um drink: Vinho tinto Um momento para relembrar: Quando pisei em Londres pela primeira vez O que seu filho te ensinou? A não levar a vida tão a sério Um bar: Pavilhão Chinês, em Lisboa Um restaurante: Gaucho de Canary Wharf, Londres Um lugar para conhecer: Áustria Um lugar para voltar: Barcelona O que encontraremos no seu próprio closet? Não encontrará nada que não fique bem em mim, mas jeans e paletó são peças que não abro mão Se eu fosse o seu coach de imagem, há algo que eu deveria eliminar do seu guarda roupa? Uma camisa de malha está com um buraquinho Se pudesse voltar ao tempo, quem escolheria para abraçar: Meu pai Um medo: Não viver meus sonhos Uma grande extravagância: Cruzeiro no Mediterrâneo Um produto cultural surpreendente: Show do U2 em Lisboa Se a sua vida fosse uma música, qual seria? Azul da cor do mar Tim Maia


08 |

October 23rd - November 05th 2012

>> Continuação da Página 02 As pessoas por trás da libra de Brixton também estão constantemente se esforçando para encontrar novas formas de incentivo e crescimento da moeda, incluindo o lançamento no ano passado do “pay by text”, através do qual os clientes podem usar as libras de Brixton em seu telefone. Com isso, e junto com a grande energia da equipe e do design das notas de papel, muitos consumidores têm aderido à ideia e são os maiores usuários das libras de Brixton. Mehul diz que as empresas são a parte mais difícil de agregar. “Um dos desafios é garantir que os comerciantes tenham lugares suficientes gastar o Brixton Pound. Com o papel-moeda, as empresas são capazes de trocá-los de volta para libras esterlinas, mas essa não é realmente a ideia. Sendo a região uma área onde não é fácil fazer a ligação de negócios com produtores primários, estamos buscando aumentar o número de empresas que aceitam a libra de Brixton, mas também trazer mais provedores de serviços como web designers e eletricistas”. Com isso em mente, eu estava curiosa para ver como as empresas locais se sentiam em relação a libra de Brixton, então fui para o Brixton Village and Market, uma área bastante movimentada e com fortes relações comunitárias. Quase todas as lojas do Village and Market aceitam a libra de Brixton, com algumas delas oferecendo descontos para quem usa a moeda local. Um dos vendedores de frutas me disse que aceita os B£, mas que rapidamente troca para libras esterlinas. Outras barracas pareciam ainda menos entusiasmadas com o projeto, com um severo “não, nós não aceitamos B£”. É claro que esta não é a história completa e são os restaurantes independentes daqui que são a força por trás da transformação recente da área e para o sucesso da libra de Brixton. Sarahwehn Sheldon, umas das

proprietárias do restaurante mexicano Casa Morita no mercado de Brixton, está muito entusiasmada com a libra de Brixton e sua paixão pelo projeto é quase contagiante. “Abrimos os restaurante há pouco mais de um ano e trabalhamos com o Brixton Pound desde o início, mesmo antes de abrir um dos representantes do projeto veio ver como estávamos e nos disse a ideia da moeda complementar. Muitos dos nossos clientes pagam desta forma e, embora nem todos meus fornecedores estejam em Brixton, eu utilizo o saldo para pagar taxas e também para realizar atividades na área, como a nossa festa de Natal”. Casa Morita é um grande exemplo dos efeitos positivos que a moeda local pode criar. O projeto tem sido uma boa forma de promover o negócio, com propaganda disponível e também com a cobertura de taxas, tais como taxas de mercado. Para saber mais sobre a relação da comunidade de língua portuguesa com o Brixton Pound, falei com Bella Cardoso, de um dos destinos culinários mais procurados de Londres, A&C co.

Continental Grocers. “Os organizadores mostraram interesse de nos envolver no projeto desde o início e eu disse que, eventualmente faríamos parte, porque o meu marido não vê o ponto disso. Embora não tenha feito qualquer diferença para nós financeiramente ou em termos de publicidade, tem sido bom fazer parte de algo tão positivo. Quando a libra de Brixton foi lançada houve bastante destaque na mídia, e foi ótimo ver Brixton ser notícia por boas razões”. Enquanto Bella reconhece que seus clientes são diferentes de outros comerciantes portugueses, ela diz entender porque nem sempre é tão fácil para as pessoas terem o compromisso de usar libras de Brixton. “É um momento difícil e as pessoas têm menos dinheiro para gastar, portanto eles são muito cuidadosos com o seu dinheiro”. Ao lado da A&C Continental está uma loja de troca de cheques, onde os comerciantes podem ir para trocar Brixton Pounds por libras esterlinas. Quando falei com o caixa ele me disse que duas ou três empresas por dia procuram o local para fazer a troca. Isto é

a prova de que mais precisa ser feito para que a libra de Brixton realmente atinga seus objetivos. Quando eu comecei a pesquisar a libra de Brixton senti que o forte sentido de comunidade, do qual muitos brasileiros fazem parte, seria o fator principal para o sucesso da moeda, mas na realidade é o multiculturalismo da área que parece ser o maior obstáculo. As empresas locais importam uma vasta gama de produtos para atender às necessidades e gostos de seus clientes. Isso significa que, assim como para Bella, compras locais nem sempre são a melhor opção. Mas, fora isso, parece haver muros invisíveis em Brixton entre os diferentes grupos. Enquanto qualquer pessoa pode ir e desfrutar de comidas colombiana, portuguesa, japonesa, mexicana e britânica, não há talvez tanta interação; e até mesmo algum ressentimento entre os diferentes grupos. Enquanto o orgulho nacional e interação com seus compatriotas é importante, os benefícios de se tornar parte de sua comunidade local e estar aberto a novas experiências podem verdadeiramente enriquecer sua vida e poupar dinheiro. Para os nossos leitores que vivem perto de Brixton aconselho descobrir mais sobre a libra de Brixton, os benefícios incluem muitos descontos em lojas e restaurantes, mas, mais do que isso, é uma ótima maneira de começar a conhecer os outros e tornar-se parte de algo muito único e especial. Como muitos dos nossos leitores vivem em diferentes partes de Londres, aconselho a dar uma olhada ao redor de sua comunidade local e ver o que está em oferta. Você está em Londres em um momento muito único e positivo, há projetos locais fantásticos de viveiros de cooperação, para instituições de caridade, atividades para a família, entre outros; e todos estão abertos para novas iniciativas. Para mais informações sobre o Brixton Pound entre no site http://brixtonpound. org/. Para descobrir o que acontece em sua comunidade visite a biblioteca local, procure online e até no Facebook.


09

Europa REFERENDO

Escócia independente? Por Guilherme Reis O primeiro-ministro do Reino Unido, David Cameron, e o chefe do governo regional escocês, Alex Salmond, assinaram dia 15 de outubro um acordo que garante a realização de referendo de independência da Escócia até o final de 2014. Assim, o parlamento de Edimburgo recebe poder legal temporário para organizar a consulta popular sobre a sua separação do Reino Unido. O documento garante que a vontade da população escocesa será atendida e respeitada por ambos os governos, que possuem posições distintas acerca da questão. Enquanto que Cameron reiterou sua vontade de que a Escócia permaneça no Reino Unido, Salmond reafirmou seu desejo independentista. “Eu acredito plenamente que a Escócia será melhor com o Reino Unido, mas, principalmente, que o Reino Unido será melhor com a Escócia. Nós somos melhores, mais fortes e mais seguros

juntos”, disse Cameron. Já Salmond: “Eu acredito que vamos vencer, estabelecendo uma visão positiva de um futuro melhor para o nosso país economicamente e também socialmente”. Em entrevista ao The Brazilian Post, o professor Andrew Blick, do Instituto de História Contemporânea do King’s College, explicou que “o partido de Alex Salmond, o Scotish National Party, tem como principal objetivo o desenvolvimento de uma Escócia independente; o partido acredita que seria benéfico sair do Reino Unido uma vez que a região não é governada segundo os interesses escoceses”. Para Blick, “o desejo do atual governo escocês é por um desenvolvimento parecido com o da Suécia e da Noruega”. Muitas pessoas na Escócia sentem-se desconfortáveis com a ideia de serem dominadas pela Inglaterra, que tem uma população quase dez vezes maior. E esse sentimento foi estimulado, como lembrou Blick, pelo fato de o partido

Conservador inglês, que está atualmente no poder, nunca ter assegurado uma maioria entre os membros escoceses do Parlamento. “O governo conservador inglês tomou algumas decisões políticas e econômicas que não foram bem recebidas na Escócia. A partir do momento em que o Scotish National Party alcançou maioria no Parlamento escocês, a ideia de independência ganhou forma, o que culminou na assinatura do acordo para a realização de um referendo”, afirmou Andrew Blick. Caso a Escócia realmente vire independente, é possível que a Irlanda do Norte e o País de Gales, que possuem movimentos nacionalistas, também queiram seguir o mesmo caminho. Além disso, o Reino Unido perderia algumas facilidades como acesso ao petróleo em território escocês. Blick acredita que, inicialmente, a Escócia sofreria alguns problemas financeiros devido ao sistema de

distribuição de renda do Reino Unido, que seria interrompido, e também em relação ao fato de se tornar ou não um membro na União Europeia (UE), o que não é um processo simples. O professor lembrou, porém, que uma vez assegurado um assento na UE a Escócia poderia então defender seus interesses econômicos com mais autonomia. O chefe escocês Alex Salmond já afirmou que pretende manter, pelo menos em um primeiro momento, a libra como moeda, e que a monarquia será preservada. Há a possibilidade, em caso de independência, de que a Escócia escreva sua própria Constituição. Para Andrew Blick, “não há motivos para a Escócia não se tornar independente se for esta a vontade da população”. Ele sustenta, porém, “que a Escócia poderia atingir suficientes níveis de autonomia mesmo dentro do Reino Unido, se tornando uma federação, o que no final das contas não seria muito diferente do que ser um Estado independente”.


10 |

October 23rd - November 05th 2012

Tecnologia NOVAS IDEIAS

Betaville: uma plataforma colaborativa de design urbano Cinco pilares que se somam ao Battery Park, em Manhattan, à imagem e semelhança da coroa da Estátua da Liberdade. Assim é como o designer Levis Reyes prevê a ponta sul da ilha de Manhattan, em Nova York, Estados Unidos. E para desenvolver esse projeto urbano Reyes não precisou de qualquer licença municipal: usou o Betaville, um aplicativo de colaboração on-line que permite aos usuários construir nos espaços vazios da cidade, como na ficção, em jogos como Sim City. Os participantes podem andar ou voar sobre as ruas da cidade, ver quanta energia é possível usar em alguns dos edifícios da baixa Manhattan e do Brooklyn e ver se há outras alternativas para melhorar a eficiência. Enquanto uma pessoa projeta um edifício, outros podem ver e modificar a proposta. Mas isso não é apenas um hobby. Os

criadores de Betaville esperam que esses projetos se tornem realidade. Carl Skelton criou a plataforma Betaville quando ele era diretor do Brooklyn Experimental Media Center da NY University. Depois de frustradas tentativas para ver como incorporar sugestões do público em esquemas de regeneração urbana, Skelton notou que os jogos podem ser uma boa maneira de incentivar a participação do cidadão. Ele diz que o sucesso de Sim City o fez pensar sobre o potencial dos jogos. Betaville é um dos vários projetos que utilizam jogos de vídeo para envolver a comunidade no planejamento urbano. Em Participatory Chinatown jogadores completam uma série de tarefas em um modelo da Chinatown em Boston e comentam sobre o projeto global. Community Planit, que se concentra principalmente em Detroit e Boston, permite aos participantes comentar

sobre seu ambiente urbano. No entanto, o que diferencia as aplicações Betaville dos outros é que ele permite que os usuários expressem claramente como querem que sua cidade seja construída. O aplicativo foi desenvolvido com a ajuda de uma equipe da Universidade de Ciências Aplicadas de Bremen, Alemanha, e concentra principalmente projetos baseados em Nova York. Mas, de acordo com os criadores, a ideia é tornar o Betaville uma plataforma global. Planos para um design mais eficiente em uma universidade do Haiti despontam como os favoritos para se tornarem realidade. Existem também projetos na Turquia, Coreia do Sul e Canadá. Equanto alguns arquitetos veem o Betaville com um olhar cético, muitos acreditam que a plataforma pode ajudar

Usuários podem ver e modificar projetos os profissionais a fazerem um trabalho mais eficiente, em um ambiente virtual que abre diferentes caminhos para mentes criativas compartilharem suas ideias. Para mais informações acesse www.betaville.net.


11

Economia CONSUMO

Bom pagador sem conta no banco O Cadastro Positivo pode ser importante para consumidores que não têm conta em bancos comprovarem histórico de pagamentos, diz o diretor de Programas da Secretaria Executiva do Ministério da Fazenda, Esteves Colnago. Com o cadastro, se este cliente precisar de um financiamento, poderá mostrar como é seu relacionamento com outras instituições, comprovando, por exemplo, que paga em dia a conta de água e o crediário da loja, disse ele. Atualmente, os bancos já têm acesso ao histórico de crédito tomado em instituições financeiras, a partir de R$ 1 mil, por meio da Sistema de Informações de Crédito do Banco Central. Segundo Colnago, com tais dados disponíveis, o consumidor pode conseguir juros mais baixos em seus financiamentos, porque se reduzirá “a assimetria de informações”. Ele disse que, em outros países, o Cadastro Positivo ajudou a reduzir juros, mas ressaltou que é preciso ver como será a experiência no Brasil. A lei que criou o cadastro foi aprovada pelo Senado Federal em dezembro

de 2010 e sancionada com vetos pela presidenta Dilma Rousseff em junho do ano passado. O decreto publicado neste mês traz detalhes operacionais para o funcionamento do cadastro. Pelo texto do Decreto nº 7.829, a inclusão dos nomes no Cadastro Positivo é opcional. Quem quiser participar do sistema terá de autorizar a inclusão, “em forma física ou eletrônica, diretamente à fonte ou ao gestor de banco de dados”, que serão criados por empresas responsáveis pela coleta, pelo armazenamento e acesso de terceiros aos dados. Ou seja, o consumidor pode dar a autorização por meio de uma loja onde pretenda fazer uma compra financiada ou diretamente à empresa de banco de dados. De acordo com Colnago, as empresas já podiam coletar autorizações e informações dos clientes para a formação do Cadastro Positivo, mas ainda não tinham acesso aos dados dos bancos. Para isso, será necessária uma resolução do Conselho Monetário Nacional (CMN), que vai definir como as instituições financeiras enviarão as informações. Colnago disse que os bancos se

INVESTIMENTOS

Desafio do Brasil é investir em infraestrutura

O Brasil tem como desafio investir mais em infraestrutura, na avaliação da diretora do Banco Mundial para o Brasil, Deborah Wetzel. A diretora destaca que a economia do país, atualmente, está muito baseada no consumo. Segundo ela, o passo inicial do governo para investir mais em infraestrutura foi dado com o lançamento de medidas para a redução do custo da energia e estímulo ao investimento público e privado, como o programa de concessão de rodovias e ferrovias. Para o coordenador de Operações Setoriais no Brasil do Departamento de

Redução da Pobreza e Gerenciamento Econômico do Banco Mundial, Pablo Fajnzylber, o país tem como desafio crescer nos próximos anos com aumento de produtividade. “O Brasil está vivendo uma situação que está afetado por ser alta volatilidade da economia mundial. O que nós estamos vendo com otimismo é o fato de que o governo está focado no curto prazo, mas também no crescimento no médio prazo. Este pacote para infraestrutura deve contribuir para aumentar as taxas de crescimento [nos próximos anos]”, disse.

preocupavam com a possibilidade de serem responsabilizados por informações indevidas no cadastro, em casos de acionamento da Justiça pelo cliente. As instituições financeiras queriam que a responsabilidade fosse apenas do fornecedor da informação e do banco de dados. Mas a responsabilidade solidária dos bancos em caso de acionamento da Justiça foi mantida.

Para Colnago, “talvez no máximo cinco empresas” formem o Cadastro Positivo no país. Empresas como o Serviço de Proteção ao Crédito (SPC) e a Serasa Experian detêm, hoje, o cadastro negativo dos clientes. Colnago informou qie as empresas poderão definir notas de classificação de risco dos clientes. Cada empresa definirá sua metodologia.


12 |

October 23rd - November 05th 2012

Esporte

by Tico Silvério

Os Gladiadores da Era Moderna Lutas sempre atrairam mutidões; isso não é de agora. A relação entre homem e luta é antiga e, desde a época dos Impérios, homens se enfrentam em arenas para divertir o público. Mas, atulamente, as lutas têm tomado um novo rumo, e com cada vez mais fãs os “Gladiadores Modernos” se tornaram um ótimo investimento; as lutas são, na verdade, um grande show. Apesar dos recursos tecnológicos, das belas mulheres e da mídia, as lutas atuais têm os mesmos princípios das que aconteciam nas arenas do Coliseu: divertir a plateia com o sangue dos lutadores. O UFC (Ultimate Fighting Championship) é com certeza o mais importante evento de MMA (Artes Marciais Mistas, do inglês Mixed Martial Arts) e os principais lutadores das diversas categorias, assim como os antigos gladiadores, são tratados como deuses. Nomes como Anderson Silva, campeão dos médios desde 2006, e Georges Saint Pierre, campeão dos meio-médios desde 2007, são como minas de ouro que atraem a

atenção não só dos expectadores como também de investidores. Por isso, o espaço das chamadas Artes Marciais Mistas vem se tornando cada vez maior na TV e no gosto popular. Sendo assim, o chefão do MMA, Dana White, não vê problema algum em recriar as grandes batalhas que aconteciam na antiguidade. Mesmo com alguns protestos em relação ao conteúdo violento de seus eventos, Dana continua arrecando mais fãs e patrocinadores para o esporte. Para 2013 Dana White promete ainda mais: a maior luta do século, que teria como protagoniastas Anderson Silva e Georges Saint Pierre, que se enfrentariam no lendário estádio Dallas Cowboys, com capacidade para 110 mil torcedores. Se Dana realmente conseguir concretizar sua ideia, o evento seria o maior da história, e com certeza levaria o MMA ao patamar de um dos principais esportes da atualidade.

Campeonato Brasileiro: Reta Final Faltando poucas rodadas para o fim do Campeonato Brasileiro, muita coisa ainda está em jogo; mesmo o título, que cada vez mais se aproxima das Laranjeiras, ainda não está definido. O campeonato de pontos corridos, que no começo era visto com desconfiança por muitos, hoje já superou essa fase e mostrou que mesmo sem semi-finais e finais o campeoanto possui uma grande carga de emoção, e o Brasileirão 2012 não é diferente. Com a briga acirrada pelas vagas no G4, que garante presença na próxima Libertadores, e a briga ainda mais intensa no Z4, zona de rebaixamento, cada jogo é encarado como uma verdadeira final. Times tradicionais como Flamengo e Palmeiras fazem uma campanha muito abaixo das expectativas e, por isso, a ameaça de rebaixamento ronda os clubes desde o início do campeonato. Porém, o caso mais sério é o do atual campeão da Copa do Brasil, o Palmeiras, que não conseguiu se encontrar durante a competição e agora, na reta final, precisa vencer seus jogos e torcer contra seus adversários diretos para não ter que novamente disputar a Séria B. Outros grandes clubes também fazem um campeonato irregular, caso de Santos, Cruzeiro, Internacional e Corinthians - esse último vem usando o Brasileirão apenas como treinamento, já que o seu principal objetivo é o Mundial de Clubes da FIFA no final do ano. Ainda há espaço para muitas surpresas, mas, com base nos matemáticos de plantão e com a ajuda dos astros, este comentarista fez suas próprias previsões - lembrando que futebol não é uma ciência exata e que as previsões quase

George St. Pierre e Anderson Silva

Fluminense ocupa a primeira colocação do campeonato nunca se realizam, encare isso mais como um palpite. Se você discorda ou tem outra opinião, mande nos um comentário no Facebook.com/ thebrazilianpost. Para mim o campeão será o Fluminense, que vai pra Libertadores junto com Atlético-MG, Grêmio e Vasco; rebaixados serão Bahia, Palmeiras, Sport e Atlético-GO.


Esporte | 13 FUTEBOL

O retorno de Kaká para a Seleção deve ser permanente? Por Jamie Jubon O ex-melhor jogador do mundo Kaká voltou recentemente para a Seleção Brasileira para disputar jogos amistosos contra Iraque e Japão, depois de uma longa ausência de mais de dois anos. O jogador do Real Madrid marcou o seu regresso com um gol e uma assistência contra o Iraque, antes de desempenhar papel fundamental na vitória impressionante por 6 a 0 contra o Japão. Foi a primeira aparição de Kaká com a camisa amarela desde que o Brasil foi eliminado da Copa do Mundo de 2010 nas quartas-de-final depois da derrota contra a Holanda. Mas será que esse retorno vai ser permanente? Mano Menezes surpreendeu a todos chamando o jogador para os dois amistosos. Ainda mais porque Kaká havia atuado apenas três vezes por sua equipe na temporada antes de ser convocado. O treinador optou por chamar Kaká depois do fraco desempenho de sua equipe na vitória por 1 a 0 contra a África do Sul. Na ocasião, a Seleção Brasileira atuou sem a menor inspiração e, com um futebol apático, fez Mano Menezes buscar novo entusiasmo com a volta de Kaká. A julgar por suas duas apresentações nos amistosos, seu retorno para a equipe nacional pode muito bem ser permanente, independentemente de suas atuações no Real Madrid. José Mourinho, técnico do Real Madrid, deixou claro vê em Kaká muito mais do que apenas um jogador para completar o plantel. Mas a chegada de Luka Modric ao time espanhol empurrou Kaká ainda mais para baixo na hierarquia. Apesar disso, Mano Menezes ainda o incluiu em sua equipe, e seus dois gols contra o Japão e Iraque devem convencer o técnico a selecionar novamente ele para os amistosos contra Colômbia e Argentina no próximo mês, e talvez até para o jogo com a Inglaterra, em Londres, em fevereiro. É compreensível o motivo pelo qual o meio-campista foi chamado de volta. Kaká nunca foi um impacto negativo com a camisa de seleção. Ele discutiu com Mourinho durante o verão, quando seu empresário foi supostamente tentar forçar a sua saída do clube, mas desde então tem sido profissional e nunca foi escolhido para falar na mídia. Vendo de fora, parece que ele foi digno e se comporta como seria de se esperar de Kaká. Ele quase não jogou pelo Real Madrid nos últimos seis meses, e mesmo assim não ouvimos reclamações. Compare Kaká com seu companheiro de equipe Cristiano Ronaldo, que no início desta temporada declarou sua “tristeza” no Real Madrid. O português não foi a público expor suas razões, mas o consenso geral era de que ele considerava não estar recebendo dinheiro suficiente com seu novo contrato. A situação de Kaká é muito mais angustiante e ainda assim ele permaneceu em silêncio. Seu estilo fora de campo pode ter contribuído tanto para a decisão de Mano Menezes como seu estilo em campo. Ele também pode ser um exemplo para alguns dos membros mais jovens da equipe. Neymar e Oscar podem se espelhar na carreira de Kaká – pelo menos enquanto ele esteve no auge e por conta de sua conduta profissional - e este tipo de educação para os jovens jogadores pode ser inestimável. Em menos de dois anos, os jogadores brasileiros estarão com o peso da nação brasileira em seus ombros, e muitos deles nunca tiveram a experiência de jogar em uma Copa do Mundo. Neymar, Oscar, Hulk, Leandro

Damião estarão fazendo sua estreia em um Mundial. Ter um companheiro experiente como Kaká ao redor, mesmo se ele não entrar em campo, pode ser apenas o que esses jovens jogadores precisam de motivação extra. O tipo de orientação que Ryan Giggs e Paul Scholes dão aos jogadores do Manchester United pode ser encarado como um exemplo do tipo de trabalho que Kaká poderia proporcionar.

Kaká está há tempo no alto escalão do futebol mundial, sendo coroado o melhor jogador do planeta, tornandose campeão da Europa com o Milan, e por algumas semanas foi o jogador mais caro de todos os tempos, quando chegou no Real Madrid. Ele ainda tem muito a oferecer para Mano Menezes e para a Seleção Brasileira; se não em campo, certamente fora dele.


Advertorial | 14 |

October 23rd - November 05th 2012

Forever Success: segurança financeira e vida balanceada Passamos por tempos difíceis e, às vezes, é complicado alcançar nossos sonhos. Mesmo quando estamos em pontos altos da carreira, a realidade pode demonstrarse muito diferente do que esperávamos. Mas há uma alternativa e uma boa maneira de ser seu próprio chefe, com um trabalho de meio período, flexível e que pode ser realizado de casa. Se você busca segurança financeira e mais tempo para estar com as pessoas que ama, e se está aberto a novas experiências, então uma carreira com a Forever Living Products, empresa líder mundial em produtos naturais para a saúde e beleza, com 34 anos e $ 2.6 bilhões em ativos, pode ser uma opção perfeita para você. Foi isso que a doutora Sylvia Chukwuemeka descobriu quando ela resolveu deixar sua carreira como médica do NHS para montar seu próprio negócio com a Forever e também ajudar outras pessoas a alcançar segurança financeira e um melhor equilíbrio entre trabalho e vida particular. Desde criança Dra. Sylvia sonhava em ajudar as pessoas e alcançou esta meta ao tornar-se médica em 1994. Dez anos depois, frustrada, descobriu que a pesada rotina de trabalho estava a afastando da possibilidade de balancear o tempo de trabalho e de realmente aproveitar a vida. Ao mesmo tempo, a preocupação com os baixos rendimentos das pensões nunca saíam de sua mente. Então surgiu uma nova oportunidade ao encontrar uma distribuidora da Forever em um evento. “Naquele momento eu estava sofrendo muito por conta de hay fever. Eu conheci esta mulher que me perguntou se eu já havia tentado usar algum remédio natural. Ela me recomendou o famoso Aloe Vera da Forever. No começo eu estava duvidando, mas como estava desesperada e não tinha nada a perder, testei. Depois que eu comecei a usar os produtos da Forever, não somente a hay fever desapareceu, como também deixei de ter dores de cabeça, minha energia aumentou e eu passei a me sentir muito bem! Rapidamente fiquei curiosa também pela oportunidade de negócios por trás dos ótimos produtos”. Dra. Sylvia começou, então, a trabalhar meio período nos negócios da Forever, ao mesmo tempo que mantinha seu emprego em tempo integral. Depois de dois anos, estava ganhando mais com a Forever do que em sua carreira como médica. Isto fez com que ela deixasse seu emprego em prol de uma vida mais balanceada, segura e interessante com a Forever, bem como interessou-se cada vez mais por ajudar outras pessoas a também descobrirem e aproveitarem esta experiência de potencialmente mudar de vida. Ela é hoje uma das líderes da Forever Sucess no Reino Unido e é especialista em ajudar outros a também alcançarem o sucesso. “Tudo o que você precisa para ser bem sucedido com a Forever é ser alguém

Doutora Sylvia Chukwuemeka que quer aproveitar o melhor da vida e estar aberto à oportunidade”. Dra. Sylvia enfatiza que não é necessário ter experiência prévia em saúde ou negócios. O suporte e apoio consultivo fornecido por ela vão lhe proporcionar um caminho testado e um modelo de negócios bem sucedido a seguir, e a desenvolver seu próprio negócio na Forever Sucess. “A vida com a Forever é completamente diferente do que está acontecendo em nossa economia. Enquanto a desgraça e a tristeza paira sobre o Reino Unido, a Forever vem aproveitando um período de rápido crescimento internacionalmente. Isto acontece especialmente porque nos últimos três anos as pessoas estão mais adeptas aos remédios e produtos

de beleza naturais, bem como buscam melhorar suas finanças”. A Forever Sucess provou-se imensamente popular no Brasil, principalmente pela tendência natural dos brasileiros de cuidarem de si mesmos, sua familiaridade com produtos naturais e também seu otimismo. “No Brasil, a atitude é muito no sentido de ‘por que não?’, o que significa que os brasileiros, homens ou mulheres, são líderes naturais nesta indústria”. Com o Brasil caminhando para o primeiro lugar entre os 150 países onde a Forever está inserida, Londres está cotada para ser o próximo grande caso de sucesso para a companhia, então agora é um ótimo período para pegar

esta oportunidade e começar a buscar a comunidade brasileira daqui. “Os brasileiros possuem um talento natural e estão abertos. Às vezes é difícil ver pessoas de grande talento e educação não atingirem seu pleno potencial. A Forever Sucess pode ajudá-lo a construir a vida que você realmente quer”. E conclui: “Agora é realmente um período muito excitante, a Forever Sucess já é conhecida entre a comunidade brasileira no Reino Unido, então não poderia haver melhor momento para agarrar esta oportunidade com as duas mãos”. A Dra Sylvia pode ser contactada através do número 078 8152 1262. Para maiores informações visite www. foreverlivingoportunidade.com.


15

London’s Halloween You may think that Halloween is just for kids but, with all respect, it’s not! In fact, it can be one of the best events of the year as you don’t have to buy anyone a present or attend dull family dinner. All you need is get your fancy dress sorted and have a good time! London will be celebrating this spooky time in its usual flamboyant style so turn the page and check out some of The Brazilian Post’s top tips for a frightfully good time on 31 October. But remember that Halloween falls on a Wednesday this year, so many events are taking place this weekend 27-28 October. Enjoy it! Read more on Page 16 >>

Você pode pensar que Halloween é coisa de criança. Mas, com todo respeito, não é não! Mais do que isso; em terras europeias, pode ser o melhor evento do calendário anual: você não precisa comprar presente para ninguém nem se aborrecer em jantares de família intermináveis. Tudo que você precisa fazer é colocar sua fantasia e curtir o momento. No Brasil, 31 de outubro é o dia do Saci; e o Halloween se resume a crianças perguntando “gostosuras ou travessuras?”. Mas, aqui em Londres, a celebração vai tomar a cidade, então o The Brazilian Post separou algumas dicas para você aproveitar o 31 de outubro no maior estilo londrino. Ah! Só não se esqueça que este ano o Halloween cai numa quarta-feira, então muitos eventos acontecerão no fim de semana dos dias 27 e 28 de outubro. Aproveite! Leia mais na Página 16 >>


Halloween | 16 |

October 23rd - November 05th 2012

Oh Shit! Zombie Horror Halloween Party Camp

Ingressos: £9 Mais info: www.walks.com

Canal Museum: Halloween Experience

dá aos participantes a chance de subir no topo da O2 Arena. Pelo caminho você pode esperar armadilhas, pegadinhas e surpresas. Quando: 27 de outubro a 4 de novembro Onde: O2 Arena Transporte: North Greewich Ingressos: £22 - £28 Mais informação: www.theo2.co.uk

Halloween Hike Special guest My Panda Shall Fly brings his euphoric electronica into the mix for the Oh Shit! Halloween Party. He’ll be joining Ossie in the first room, busting out house, UK DnB and garage while DJ Bass, Skinny Macho and Gents keep things hiphop next door. Dress up for cheap entry. When: Friday October 26 Where: East Village Club Transport: Old Street Tickets: £5 before 11pm, £8 More info: www.eastvillageclub.co.uk

Time Out Zombie Horror Camp calls for you to zombify yourself, flail your limbs to DJ sets from The Horrors, Robots in Disguise and Guilty Pleasures oh and make sure you perfect the Thriller routine if you don’t want to be left for dead on the dance floor. When: October 25, 26, 27 Where: Old Vic Tunnels Transport: Waterloo Tickets: £25 More info: www.oldvictunnels.com

O convidado especial My Panda Shall Fly traz sua euforia eletrônica para apimentar a mistura da festa Oh Shit!. Quem estiver devidamente trajado – ou seja, com qualquer loucura de Halloween – ganha desconto na entrada. Quando: Sexta-feira 26/10 Onde: East Village Club Transporte: Old Street Ingressos: £5 antes das 23h, £8 depois Mais info: www.eastvillageclub.co.uk

Organizada pela Time Out, a festa Zombie Horror Camp convida você para zombar de si mesmo, com roupas engraçadas e ao som de The Horros, Robots in Disguise e Guilty Pleasures. Quando: 25, 26 e 27 de outubro Onde: Old Vic Tunnels Transporte: Waterloo Ingressos: £25 Mais info: www.oldvictunnels.com

Halloween Seduktion Season Pub Halloween Party Walk

House beats and dancing mayhem will take over this all-nighter at Cargo. Spooky costumes are encouraged but be warned, things might get sweaty. When: Saturday October 27 (8pm-5am) Where: Cargo London Transport: Shoreditch High Street Tickets: Free before 9pm, £15 More info: www.cargo-london.com O clube Cargo London vai ter uma noite de festa bem atípica, com zumbis por todos os lados e muito diversão até o dia amanhecer. Quando: Sábado 27 de outubro (8pm-5am) Onde: Cargo London Transporte: Shoreditch High Street Ingressos: Grátis até 21h, £15 depois Mais info: www.cargo-london.com

London Walks have a new ghost tour for the scary season with this Spooky Southwark pub crawl. Meet your bubbly guide Bloodline (aka Katy) outside the exit from Blackfriars Tube and prepare to see London in a new darkness. When: Saturday October 27 (from 7.15pm) Transport: Blackfriars Tickets: £9 More info: www.walks.com O grupo Walks tem um novo tour fantasma para a temporada de sustos com o Spooky Southwark pub crawl (espécie de tour bar em bar). O ponto de partida é a estação Blackfriars do metrô. Quando: Sábado 27 de outubro (a partir de 7.15pm) Transporte: Blackfriars

If you like the sound of a fancy dress boat trip down one of the London’s canals, or a ghost story telling session, then start off your halloweekend with this experience. Boat trips set off regularly, but it’s recommended to book your place in advance. When: October 27-28 (3pm-9pm) Where: Canal Museum Transport: King’s Cross Tickets: £10 More info: www.canalmuseum.org.uk Se você gosta de um passeio de barco pelos canais de Londres, ou de uma história de terror, não deixe sua idade te impedir! Os barcos sairão regurlamente, então reserve seu lugar. Quando: 27 e 28 de outubro (3pm-9pm) Onde: Canal Museum Transporte: King’s Cross Ingressos: £10 Mais info: www.canalmuseum.org.uk

Up at the O2: Climb of the Cursed

You wouldn’t know it but Hyde Park has enjoyed ghoulish past. During a nighttime stroll with your guide, find out about the tragedy of the drowning of Percy Shelley’s first wife, the 18th-century executions at the Tybern Gallows and the criminals that were imprisoned in the Old Police House. Although there will be kids at this event, it will be spooky enough for adults as well. When: October 31 (5.30pm - 7pm) Where: Hyde Park Transport: Lancaster Gate Tickets: £8 (under 8’s free) More info: www.royalparks.org.uk O Hyde Park tem um passado macabro. Durante uma volta noturna, descubra os detalhes da tragédia do afogamento da primeira esposa de Percy Shelley, as execuções do século 18 na Forca Tybern e os criminosos que foram presos na Old Police House. Quando: 31 de outubro (5.30pm – 7pm) Onde: Hyde Park Transporte: Lancaster Gate Ingressos: £8 (grátis para menores de 8 anos) Mais informação: www.royalparks.org. uk

Halloween Screening Party This is a creepy climb for Halloween thrillseekers that gives you the chance to go on an expedition across the roof of The O2. Along the way you can expect tricks, treats and surprises and, at the summit, you’ll be given a gothic-style map of the capital that pinpoints some of London’s horror hotspots. When: October 27 – November 4 Where: O2 Arena Transport: North Greenwich Tickets: £22 - £28 More info: www.theo2.co.uk Uma escalada arrepiante para aventureiros é oferecida pela atração que

Halloween gets a highly camp, Technicolor makeover at the Water Poet’s screening of two seasonal classics, ‘Hocus Pocus’ (1993) and ‘Beetlejuice’ (1998). When: October 31 (from 6pm) Where: The Water Poet Transport: Liverpool Street Tickets: £4 More info: www.waterpoet.co.uk Não perca a exibição dos clássicos ‘Hocus Pocus’ (1993) e ‘Beetlejuice’ (1998). Quando: 31 de outubro Onde: The Water Poet Transporte: Liverpool Street Tickets: £4 Mais info: www.waterpoet.co.uk


Showbiz | 17

Avenida Brasil: o safado e o coitadinho Por Carolina Beal Nada se comparava a uma final de Copa do Mundo até o final da novela Avenida Brasil na sexta-feira, 19 de outubro. A novela atingiu 52 pontos em São Paulo, com 73% dos televisores ligados, e foi notícia na Forbes, The Guardian e BBC. Além disso, deu o que falar em redes sociais e teve repercussão mesmo fora do país – seja pelos brasileiros imigrantes ou pelos estrangeiros que se envolveram com a história. Eu nunca fui noveleira, mas desta vez foi impossível ficar completamente alheia à novela com tanta gente twittando e postando no facebook (obrigada amigos chatos!). Mas mais do que contar resumo, discutir o final, falar sobre como a Classe C se viu representada na novela, esta página resolveu tratar de duas personagens que representam o estereótipo masculino do Brasil sil sil. Sim, porque estereótipos femininos a gente já cansou de ver. Cachorro, safado, semvergonha Com a mocinha Nina (Deborah Falabella) e o mocinho Jorginho (Cauã Reymond) sendo chatos

Cadinho, o mulherengo pra dedéu (por que mocinhos só sofrem?), Avenida Brasil teve como recurso ir para um estereótipo engraçadinho: o batido “homem com milhares de mulheres tentando enganar a todas”. Com três mulheres para tapear, Cadinho (Alexandre Borges) ainda teve tempo de pegar mais uma, embora case

apenas com as três, resignadas. Em pleno século 21, quando os homens estão cada vez mais “ameaçados” pela mulherada, só na novela, só no Brasil isto acontece. Ou no Islamismo. O traído Se dor de corno não desse Ibope, a música sertaneja estaria enterrada neste momento (não joguem as pedras ainda!). E, claro, Tufão (Murilo Benício) é o enganado da vez (aliás, Murilo Benício tem o dom – e a cara – de quem é enganado mesmo na vida real) em Avenida Brasil. Claro, numa terra de espertos, alguém quer ser o “pato”da vez, não? A falta de “conhecimento” do companheiro foi tão grande que a personagem chegou até a fazer comercial pra companhia

Tufão, o enganado da vez telefônica Vivo, dizendo que se ele tivesse um telefone com mensagens e email ilimitados

não seria o último a saber. Moral da História: No Brasil, ou você é o garanhão ou é corno.

Comentários na web • •

Santiago deve ter perdido o dedo. Se virar presidente da República mato vocês! (@ tiodino, via twitter) Agora que a novela já acabou voltem para a vida real e lembrem que vocês são um bando de pobres lascados. (@eikebatistta, via twitter) Comprei a usina de Itaipu, vou desligar a energia quando começar a Novela R$R$R$.... Avenida Brasil (@eikebatistta, via twitter) Segunda Feira já pode colocar Avenida Brasil no Vale a Pena Ver de Novo (@

• •

BobHumorista, via twitter) Quem nunca deu o bebê para a assassina segurar e depois bateu um risoto de frango no lixão, não é mesmo? (@ kibeloco, via twitter) galvão bueno: “acabou! acabou!” (Hélio de La Peña, imitando o comentarista de futebol. @lapena, via twitter) Moral da história: casal, trisal, quadrisal... tanto faz, vamos ser feliz e fazer gol (@ rodrigodorado, via twitter)


Food | 18 |

October 23rd - November 05th 2012

Lemon Tart with Almonds By Saulo Calliari Here’s a recipe I recently tested, with very delicious results! A lemon tart made with almond dough. Easy and quick to make, this is a variation of French Pâte Sucree, and was created by my beloved girlfriend. Nothing beats quick and practical recipes and this one can be done without wasting time or spending much money. The fresh sweetness would appeals to most people and better-still can be easily transformed by using flavors. For example, replace the lemon juice with strawberries and if you like things sour, try using tamarind to get an incredible result.

• •

mix until dough is smooth Leave to stand for 30 minutes Work the dough and roll out so it is slight larger than the dish. Line the dish (leaving some pastry to hang over the edges as it will shrink during cooking) then prick with a fork to create small holes for steam to escape. Bake for 30 minutes then remove and allow to cool completely.

Ingredients for Dough: • 150g of flour • 100g of almond flour • 100g of unsalted butter • 100g of icing sugar • 1 pinch of salt • 1 egg yolk • 1 tablespoon of vanilla extract

How to Prepare the Dough: • Pre-heat the oven to 180C. • Sift the flour, almonds, salt, icing sugar and flour into a bowl • Add butter, egg yolk and vanilla and

Ingredients for the Filling: • 1 can of condensed milk • 1 150 ml tub of double cream • Half a cup of lemon juice

Zest of 1 lemons

How to Prepare the Filling: • Mix all ingredients except the zest in a bowl and beat with a whisk until thick. • Add the filling to the cold tart and top off with the lemon zest. • Serve cold and garnish with icing sugar, lemon slices, mint leaves and whatever else your imagination creates!

Torta de Limão com Amêndoas Vou passar uma receita que testei recentemente e que ficou muito deliciosa! Uma tortinha de limão feita com massa de farinha de amêndoas. Fácil e rápida de se fazer, é uma variação da Pâte Sucrée francesa, só que criada pela minha amada namorada. Nada melhor do que receitas rápidas e práticas para o dia dia. Esta é uma que você pode facilmente fazer sem perder tempo nem gastar muito dinheiro. Agrada a maioria das pessoas e pode ser facilmente transformada em outros sabores. Tire o limão e acrescente suco de morangos e obtenha uma deliciosa variação; se gosta do azedo, use tamarindo e obtenha um resultado incrível.

SINCE 1995

Ingredientes para Massa: • 150 g de farinha de trigo (pode usar integral se preferir) • 100g de farinha de amêndoas • 100 g de manteiga sem sal (temperatura ambiente) • 100 g de açúcar de confeiteiro • 1 pitada de sal • 1 gema • 1 colher de sopa de essência de baunilha Modo de Preparo da Massa: • Peneire a farinha de amêndoas, sal, açúcar de confeiteiro e a farinha de

• • • • •

trigo em um bowl. Adicione a manteiga, a gema e a essência de baunilha e misture até obter uma massa lisa e homogênea. Deixe descansar por 30 minutos Modele em uma forma de fundo falso e faça com um garfo pequenos furos na massa para o vapor sair Asse por 30 minutos em forno pré aquecido a 180 graus celsius Espere a massa esfriar

Ingredientes para o Recheio: • 1 lata de leite condensado • 1 lata de creme de leite • Meio copo de suco de limão

Raspas de 2 limões

Modo de Preparo do Recheio: • Misture todos os ingredientes em um bowl e bata com o fouet até obter um creme espesso • Adicione o recheio à massa já fria e raspe 2 limões em cima dela • Sirva gelada e decore com rodelas de limão, folhas de hortelã e o que mais sua imaginação criar!

A nossa casa de carnes!

FREE DELIVERY


Travel | 19

Fernando de Noronha, the Brazilian paradise By Janinne Veloso Why should I visit? Known as the Brazilian paradise, Fernando de Noronha is an archipelago of 21 islands rich in natural and preserved beauty, fascinating wildlife and history. First discovered during the Portuguese expeditions in 1500 it was subsequently invaded by British, French and Dutch all looking for a piece of paradise of their own. Today, the island’s economy is centered on tourism, which has been developed in a sustainable way. In order to preserve the natural beauty, there is an environmental daily fee that every tourist has to pay while staying on the island. It’s idyllic sprawling beaches and nature also makes Noronha a popular destination for honeymoons. Where should I stay? There aren’t any large resorts in Noronha, however accommodation is very comfortable and most of the hotels and pousadas (small hotels) are ecological, friendly and charming. One night in a pousada in Vila dos Remedios, with plenty of restaurants,

small shops and cafés, cost about £150. The cheapest alternative is to stay in a guesthouse as some of the locals rent bedrooms for tourists. This will cost about £60, is more rustic and is also a great way to get a real insight into life here. Things to do During the day there are plenty of activities to do, all of them related to the local and spectacular natural beauty: watching dolphins, scuba diving, trekking and snorkeling are just some of the options. At night party goers can enjoy the bars and small local clubs in Vila dos Remedios, most of them play forro music and maracatu. Go to Forro do Cachorro in Praia do Cachorro for a night of dancing, chatting and drinks. Getting around The best way to explore the island is to rent a buggy; the average price is £25 per day. It is advisable to book tours prior to your arrival. Take care A stay in paradise does not come cheap - be prepared to pay above average prices for food, accommodation and tours. A day tour of the beaches around island is

Barcelona, viva e moderna Why should I visit? Berço da brilhante arquitetura de Antonio Gaudí, Barcelona é a segunda maior cidade espanhola, ficando atrás apenas da capital Madri. Após anos de decadência durante o governo franquista, a partir de 1975 uma revolução cultural e cosmopolita fez a cidade mais atrativa para o turismo. Em 1992, com a recepção dos Jogos Olímpicos, Barcelona celebrou sua nova face moderna, cosmopolita, cultural e urbana. Where should I stay? Existem opções de acomodação para todos os bolsos, necessidades e conforto em Barcelona. O bairro gótico, no coração da cidade, onde está localizada a movimentada rua Las Ramblas, é uma boa opção de estadia. Lá o visitante encontra desde sofisticados hotéis boutiques a albergues e apartamentos. Para os mochileiros a Pension Mari Luz oferece quartos compartilhados e privativos a partir de 18 euros por noite. Para casais que procuram por um pouco mais de conforto existem vários hotéis com quartos duplos a partir de 50 euros por noite. Mais informações em http://migre.me/baf4p. Things to do Caminhar pelas ruas estreitas do bairro gótico, aproveitar um dia de sol na praia de Barceloneta ou explorar os museus e galerias de arte são algumas opções para o dia em Barcelona. A Casa Batlo, construída por Gaudí, vale a visita por sua arquitetura, design interior e cores. De noite vá ao CDLC (Carpe Diem Lounge Club) para uma noite de glamour e badalação; o vizinho Opium também é uma boa opção para os baladeiros dispostos a gastar cerca de 10 euros num cocktail. Os dois clubs ficam na praia de Barceloneta e contam também com restaurantes. Getting around Grande parte das atrações estão no centro da cidade, então caminhar por esta área é um bom jeito de conhecer os highlights de Barcelona. Taxis são mais baratos se comparados a Londres e outros destinos europeus e o transporte público funciona bem. Assim como Londres, a cidade é dividida em zonas e os preços de metrô são calculados de acordo com a distância percorrida. O bilhete unitário custa 2 euros.

Vista do Parque Guell, atração indispensável

Take care Assim como qualquer grande cidade, “batedores de carteira” são comuns no centro turístico de Barcelona, por isso fique atento ao caminhar por esta área durante a noite. O transposte público funciona das 5h a meia noite de segunda a quinta; às sextas e sábados 24 hrs e aos domingos e feriados das 5h às 2h. Taxis só aceitam dinheiro como forma de pagamento. How to get there Existem voos diários para Barcelona por diversas companhias europeias. Pela popular Easy Jet uma passagem ida e volta saindo de Londres custa em média 60 pounds, quando comprada com antecedência. Don’t miss A visita à catedral Sagrada Familia é imperdível! Projeto iniciado em 1982 e assumido por Gaudí em 1983, a catedral que começou a ser construída com estilo neogótico é hoje símbolo da arquitetura moderna catalã. Ainda inacabada, a expectativa é que a obra termine de ser construída em 2026, centenário da morte de Guadí. Amantes da arte cubista devem visitar o museu de Picasso que conta com mais de 3.800 trabalhos do artista. Programe-se para ir a um jogo do time da casa, o Barcelona; para garantir disponibilidade e preços mais baixos os ingressos devem ser comprados com antecedência através de seu agente de viagem ou do site oficial do time: www.fcbarcelona.com.

about £35 per person. Diving with certified organisations start at £100. A meal for two averages at around £35. Oh and don’t forget the daily environmental fee which is £15, which you can pay in full online before you arrive, a great way to avoid big queues and make the most of your time there. For more info visit: www. migre.me/babJR. How to get there Located 350 km from the Brazilian coast, you have to go via Recife or Natal and from here take a smaller air plane to Noronha. Flights from London to Recife or Natal cost about £700, flights from there to the island are £300, on average. Don’t miss Enjoy a lazy sunny day at Praia do Sancho, considered by Brazilians asthe most beautiful beach in the country and where you can gaze at the Two Brothers mountains (Morro dos Dois Irmãos), the most popular view in Noronha. With great waves, Cacimba do Padre is a perfect option for surfers. Another spot not to be missed is the beautiful Baia Sueste with crystal blue water and white sand, where you can swim with giant sea turtles.


London by Night | 20 |

October 23rd - November 05th 2012

Choro in Roda @ Tia Maria by Cíntia Alcântara

Robson e Juliana curtindo o Choro in Roda no Tia Maria

Marisa, do grupo “Nossa Voz”, que estava prestigiando os amigos do Choro in Roda

Encontro de amigos no Tia Maria

Choro in Roda tocando no Tia Maria

Vitor e Franciele curtindo um som brasileiro


What's On | 21 Onde: National Gallery, Trafalgar Square, London, WC2N 5DN Tickets: adultos £12; estudantes £6 Transporte: Charing Cross

de palestras, passeios e workshops oferecendo oportunidades para que todos possam se envolver com fotografia. O festival dura dois meses e ocorre em lugares diferentes de Londres. Para saber mais visite o site www.2012.photomonth. org e verifique o calendário para saber o que está acontecendo. O festival é grátis! Quando: Até 30 de novembro

The Alternative London Tour

Seduced by Art: Photography Past and Present By Cibele Porto The influence of painting on photography from the mid-nineteenth century to the present day is the theme of the first major photography exhibition at the National Gallery. Paintings by Constable, Ingres and Degas, among others will be paired with photographs from the likes of Martin Parr, Richard Billingham and Craigie Horsfield in an attempt to show how the painting tradition was translated during the advent and development of photography. When: 31 Oct – 20 Jan 2013 Where: National Gallery, Trafalgar Square, London, WC2N 5DN Tickets: adults £12; students £6 Transport: Charing Cross

A influência da pintura sobre a fotografia de meados do século 19 até os dias atuais é o tema da primeira grande exposição de fotografia do National Gallery. Pinturas de Constable, Degas e Ingres, entre outros, foram emparelhadas com fotos de profissionais, tais como Martin Parr, Horsfield Craigie e Billingham Richard, em uma tentativa de mostrar como a tradição da pintura foi traduzidas à tradição da fotografia ao longo do tempo. Interessantíssimo! Quando: 31 de outubro até 20 de janeiro de 2013

East London might have been the focal point of the Olympis but these tours reveal the alternative style of the east side of London, from the history and culture of “Banglatown” to Brick Lane and Shoreditch as well as current trends and street art. These independent tours have been awarded as one of the five top is things to do in London. The guides are east London experts, some are locals and others are street artists so there’s a lot of knowledge and passion for area and its world-renowned creative scene. It’s possible to book places on walking tours, bike tours, a combined walking tour & street art workshop or private and student tours. Check the site www.alternativeldn. co.uk for more options and the timetable of tours you’re interested in! When: The tours are available until 22 December Where: Around Old Spitalfields Market Transport: Liverpool Street

Esteja preparado para ser introduzido ao estilo alternativo do lado leste de Londres, da história à cultura de “Banglatown”, Brick Lane e áreas de Shoreditch, bem como questões atuais e arte de rua. Pelo site www.alternativeldn.co.uk é possível reservar passeios a pé, passeios de bicicleta e ainda tours com oficina de arte. Quando: Os passeios estão disponíveis até 22 de dezembro Onde: Nos arredores do Old Spitafields Market Transporte: Liverpool Street

Ice Age Live! A Mammoth Adventure Ice Age Live! The mammoth adventure will take the audience on an inspiring journey, this includes meeting your favorite characters from the movies, in a new never seen before story with lots of fun. When: 1-3 November 2012 at 11am, 3pm and 7pm Tickets: from £20 Where: Wembley Arena - Arena Square, Engineers Way, Wembley, HA9 0DW Transport: Wembley Park Station

Photomonth 2012 Photomonth East London is an international photography festival with more than 150 exhibitions in galleries and venues. The festival celebrates the depth and diversity of contemporary photography with big events such as the Photofair in Spitalfields Market and the Photomonth Lecture at the Whitechapel Gallery. In addition a program of talks, walks and workshops provides opportunities for everyone to engage with photography. The two month festival takes place in different places in east London, so visit the website www.2012.photomonth.org and check the diary to know what’s going on the best news is the festival is free! When: Until 30 November

Photomonth East London é um festival internacional de fotografia com mais de 150 exposições em galerias e outros pontos. O festival demonstra a profundidade e a diversidade da fotografia contemporânea exibidas em grandes eventos como o Photofair em Spitalfields Market Traders e o Photomonth Lecture na Galeria Whitechapel. Além disso, o festival tem também um programa

A Era do Gelo Live! A aventura do mamute vai transportar o público a uma viagem inspiradora, incluindo os personagens favoritos dos filmes, de uma forma nunca vista antes, em uma nova história com muita diversão. Quando: 1, 2 e 3 de novembro de 2012 às 11h, 15h e 19h Ingressos: a partir de £20 Onde: Wembley Arena - Arena Square, Engineers Way, Wembley, HA9 0DW Transporte: Estação Wembley Park


Entertainment | 22 |

October 23rd - November 05th 2012

EXPOSITION

Let’s talk about Mr. Brainwash By Ricardo Somera Anyone who lives in London is lucky enough to be surrounded with great artwork, whether it’s street art or the innumerable galleries scattered throughout the city. Sometimes it’s easy to feel overwhelmed, there are so many interesting attractions, it’s a little difficult to decide what is really worth a visit. This month saw the opening of shows from major artists including as Turner Prize winner, Anish Kapoor, the eccentric Italian artist Maurizio Cattelan, early pioneer of Pop Art Richard Hamilton, among many others. In London it is possible to see the work of creatives who embody the power of the art world and have won the undisputed highs in their careers. It is with this in mind that I have chosen to discuss the controversial Thierry Guetta, known as Mr Brainwash, who is exhibiting at the Old Sorting Office (21-31 New Oxford Street) and an artist who divides opinion among audiences, critics and artists. MBW’s art basically consists of reinterpretations of the work of established artists and since the beginning his entry into the world of art has been met with controversy. Brainwash achieved worldwide attention after becoming the protagonist of “Exit Through the Gift Shop,” a documentary directed by Bristol-born street artist Banksy that was nominated for an Oscar in 2010. Exhibition MBW arrives in London with a mega solo exhibition, featuring numerous pieces including famous London souveniers created to life scale, endless reinterpretations of Andy Wharol with public figures like Obama and Michael Jackson, and a giant gorilla made with recycled tires. I like many judging by the crowds, like the work of Brainwash, but his explicit the lack of creativity means that the show desn’t deliver much, if you are looking for new inspirations and questions as found in artists like Jeff Koons and Damien Hist. Supported by the media and by artists such as Madonna, Black Keys and Red Hot Chilli Peppers and with an amusing personality, MBW will have us talking for time to come.

Quem anda pelas ruas de Londres convive diariamente com trabalhos artísticos nas estações de metrô, grafitis pelas ruas ou nos museus e galerias de arte espalhados por toda a cidade. E, com tanta atração interessante nos espaços fechados, fica um pouco difícil de decidir o que realmente vale a pena ser visitado.

Neste mês artistas de renome como o vencedor do Turner Prize, Anish Kapoor, o excentrico artista italiano Maurizio Cattelan, o precursor da pop art Richard Hamilton, entre outros, estão expondo seus trabalhos por aqui. Todos os criativos citados já estão mais do que consagrados no mundo da arte e conquistaram o nível de qualidade indiscutível em suas carreiras. E por esse motivo escolhi falar nessa coluna sobre o polêmico Thierry Guetta, conhecido como Mr Brainwash, que está expondo seu trabalho no Old Sorting Office (2131 New Oxford Street; Holborn), um artista que divide opiniões entre críticos e artistas. MBW não executa seus trabalhos. Sua arte, basicamente, é composta por releituras de obras consagradas e sua entrada no mundo das artes foi controversa. Brainwash ficou conhecido mundialmente depois de ser o protagonista de “Exit Through the Gift Shop”, documentário sobre street art dirigido pelo grafiteiro Banksy que foi indicado para o Oscar em 2010. A exposição MBW chega a Londres com sua primeira exposição solo, que conta com inúmeras peças incluindo os souveniers londrinos em tamanho natural, infinitas releituras de Andy Wharol, com figuras públicas como Obama e Michael Jackson, e um gorila gigante feito com pneus reciclados. Gosto do trabalho de Brainwash, mas é explícito a falta de criatividade se está à procura de novas inspirações e questionamentos como encontramos em artistas como Jeff Koons e Damien Hist. Paparicado pela mídia e por artistas como Madonna, Black Keys e Red Hot Chilli Peppers, vendendo muito e com uma personalidade divertidíssima, MBW ainda vai dar muito o que falar.

5 films about the graffiti culture Pixo dir. João Weiner http://migre.me/bf7Rj Beautiful Losers dir. Aaron Rose, Joshua Leonard http://migre.me/bf7RX Bomb The System dir. Adam Bhala Lough http://migre.me/bf7UU Exit Through The Gift Shop dir. Banksy http://migre.me/bf7VQ Bomb It dir. Jon Reiss http://migre.me/bf7WM

3 graffiti galleries around the world Klughaus Gallery New York (US) http://klughaus.net/ ATM Gallery Berlin (GER) http://www.atmberlin.de Choque Cultural São Paulo (BR) http://choquecultural.com.br


Fashion | 23

The last days of autumn Hello guys, in this edition I bring you some great looks for the last days of Autumn, before it gets really cold and the days draw in. The next one will be the winter on the streets – think chunky scarves and lovely layers, can’t wait! Hope you like it ;-)

Outono com dias contados Olá galera, trago aqui um pouquinho do que restou do nosso outono. A próxima edição será o inverno nas ruas. Aguardem! Hope you like it ;-)

Daniela, 23

instangram: @zazaoliva facebook: facebook.com/zazaoliva tumblr: tumblr.com/zazaoliva

Elizabeth, 19

Dress: Miss Selfridges Jumper: Republic Bag: from Spain

Lara, 25

Jacket: Levi’s Trousers: Mum’s Shoes: Superga

Cap: River Island Sunglasses: Illesteva T-shirt: Topshop Waistcoat: See by Chloe Skirt: Acne Trainers: Alexander Wang

Sietske, 23 Hat: Storets T-shirt: COS Jacket: Avalon Jeans: Monky Boots: Choies

Zoe, 22

Shirt: Vintage shop Trousers: Topshop Boots: Aldo


Feel Good | 24 |

October 23rd - November 05th 2012

SACRED CHAT

Bumpers of life

There is not a single person who wouldn’t like to improve their living conditions. Even during tough times, existence does not need to be problematic, it is just a series of situations that need to be addressed or resolved with the right methods and willpower. This approach will mean that the same life that was previously filled with so much anguish can become a great source of satisfaction. Embodying good virtues can make life simpler. It’s easier to love than to hate and be true rather than false. It is more logical to act according to our own intrinsic nature of peace than against it. Imagine driving along a bumpy road in a

car without shock absorbers, it wouldn’t be very comfortable! Then imagine the same journey but with the addition of positive virtues to counteract the ups and downs. Even if there are potholes and obstacles, their effect will be minimised. When life is going your way it is quite easy to show virtues but it is when we find ourselves in adverse circumstances that virtues reveal their importance, as in the following example from the Buddhist faith. Like all founders of great religions, Buddha suffered persecution. One day he was camped near a town where Orthodox priests were fearful of his preaching and

the conversion of his followers. One of the leaders went to the camp, found Buddha meditating quietly under a tree and began subjecting him to insults, yet Buddha did not react. After twenty minutes of aggression, the man shouted: - “You have nothing to say? Will you not at least defend yourself?” Calmly, Buddha replied: - “What happens when you refuse the gift from someone who owns it?” The man, taken aback by Buddha’s serenity said: - “Well .. err ... well ... If it is refused, then it belongs to the person who gave it.” To which Buddha said:

- “Likewise, everything that you tried to give me now through your words, I do not accept.” When the preacher realised his mistake, he fell at the feet of the Buddha in humility and recognition of its truth. This approach can be applied to your life, no matter what anyone wants to give, you still have the choice to accept or refuse and how to respond to this situation. This realisation will not only build part of your solid internal security, it is also the basis of good virtues which are can be absorb the shock of life! Inner Space (www.innerspace.org.uk)

Amortecedores da vida Não há uma pessoa sequer que não gostaria de melhorar sua condição de vida. A existência não é problemática, é apenas uma série de situações que precisam ser abordadas ou resolvidas com os métodos corretos, e com força de vontade. A mesma vida que antes causava tanta angústia, pode tornar-se uma grande fonte de satisfação. As virtudes tornam a vida mais simples. É mais fácil amar que odiar e ser genuíno em vez de falso. É mais lógico agir de acordo com a própria natureza intrínseca de paz do que agir contra ela. Se você já andou de carro sem amortecedores numa estrada

esburacada, sabe que não é muito confortável. Da mesma forma, com mais virtudes, você anda melhor na estrada da sua vida. Mesmo que haja buracos e obstáculos, seu efeito é minimizado. Numa situação tranquila é fácil mostrar virtudes. É quando o indivíduo se encontra em circunstâncias adversas que as virtudes revelam sua importância, como no seguinte exemplo: Como todos os fundadores das grandes religiões, Buda também sofreu perseguição. Um dia ele estava acampado perto de uma cidade onde os sacerdotes ortodoxos estavam temendo a conversão dos seus fiéis pela pregação de Buda. Um dos líderes

se dirigiu até o acampamento e encontrou Buda meditando, tranquilamente, debaixo de uma árvore. Começou a dirigir-lhe insultos pesados, sem qualquer reação da parte de Buda. Após vinte minutos de agressão, o homem perguntou-lhe aos gritos: - Você não tem nada a dizer? Ao menos não vai defender-se? Calmamente, Buda indagou: - Se o senhor recusa o presente de alguém, a quem ele pertence? O homem, tomado de surpresa pela serenidade de Buda, disse: - Bem...err...bem... Se é recusado, pertence àquele que o deu.

Buda disse: - Da mesma forma, tudo que o senhor tentou me dar agora através das suas palavras, eu não aceito. A quem pertence? Quando percebeu seu equívoco, caiu aos pés do Buda em humildade e reconhecimento da sua verdade. Não importa o que alguém queira me dar, ainda tenho a escolha entre aceitar ou não – tenho escolha sobre como respoder à situação. Esta percepção, que parte de uma segurança interna sólida, é a base de muitas virtudes. E virtudes são os amortecedores da vida! Inner Space (www.innerspace.org.uk)


Feel Good | 25

The power of colour By Roberta Schwambach Have you ever wondered why some days you wake up wishing to wear blue, and on another you don’t feel ready till the moment you top-off your outfit with a red accessory, be it a scarf, bag or lipstick? An explanation to this can in part be put down to the energy that each colour possesses. There are warm and cool colours, soothing and exciting, relieving and oppressing, but this is not the only factor that gives colour an impact. Everything depends on the person who uses them and in what situation or mood you find

yourself. In general, each colour has a different energy, the red is the colour of fire and blood, so it is associated with energy, strength, and determination as well as passion, desire, and love. Blue is considered beneficial to the mind and body, slowing the metabolism and producing a calming effect. While violet is a combination of the two and is s associated with wisdom, dignity, independence, creativity, mystery, and magic. As colours are present in everything around us, understanding how they influence our lives is essential in

O poder das cores Você já parou para pensar por que alguns dias acorda com vontade de vestir-se de azul, e no dia seguinte não se sente pronta enquanto não coloca algum acessório vermelho? Uma explicação para isto pode estar justamente na energia das cores. Há cores quentes e frias, calmas e excitantes, de alívio e opressivas; mas nenhuma destas características pode ser considerada como uma verdade absoluta. Tudo depende da pessoa que as usa, e do momento em que se encontra.

Cada uma das cores possui uma energia diferente, sendo o vermelho o de menor energia e o violeta o de maior energia. As cores estão presentes em tudo a nossa volta, e entender como elas influenciam em nossas vidas é essencial para equilibrar nossa energia. Então por que não pensar nisto antes de sair de casa e abusar de acessórios que, além de transformarem seu look, podem também lhe trazer maior equilíbrio físico e mental?

balancing our energy. So why not think about it before you leave home, adding vibrant coloured

accessories can transform your look and also help you achieve a greater physical and mental balance.


| 26 |

October 23rd - November 05th 2012

The Brazilian Post - Português - 74  

The Brazilian Post - Português - 74

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you