Page 1


5

6

10

SETEP recebe família de 11 missionários

12

ONLINE 2 ADPB-

14

A Assembleia de Deus no município de Alhandra/PB enviou ao Seminário Teológico Pentecostal (SETEP), em Cochabamba/Bolívia, o Evangelista Joás Vicente e família. Na base, Joás fará o curso de preparo missiológico, com foco transcultural, e ao término dele será enviado para trabalhar no campo missionário, tendo o apoio de sua igreja local, em parceria com a Secretaria de Missões da Assembleia na Paraíba. A família foi recebida em Santa Cruz de La Sierra, pelo missionário e pastor Adegildo Queiroz, no dia 12 de Maio. E o Evangelista Lindiberg Cardoso, os recebeu em Cochabamba no dia 15 de Maio.

Conteúdo EDIFICANTE para sua vida www.adpb.com.br

igreja, reflexão e missões


EXPEDIENTE Pr. José Carlos de Lima - Presidente da AD na Paraíba, Presidente da COMADEP / Pr. Eduardo Leandro Alves - Secretário Executivo de Missões / Pr. Moisés Carlôto - 1º secretário adjunto / Ev. Lindeberg Cardoso 2º secretário adjunto / CEEM - Conselho de Evangelismo e Missões - Presidente: Pr. Antônio Dias - Secretário: Pr. Cleudimar Lima - Relator: Pr. Luiz Derço Santiago – Membros: Pr. José Carlos de Lima e Pr. Vargas. / ADPB EM REVISTA - Editor responsável: Ramon Nascimento - Editor: Pr. Eduardo Leandro Alves - Revisão de textos: Raquel Monteiro - Projeto Gráfico / Diagramação: Jesiel Claudino - Impressão: Gráfica JB / Assembleia de Deus - Av. Coelho Lisboa, 553 - Jaguaribe - CEP 58015-630 - João Pessoa-PB - Fone: (83) 2106-1465 / ADPB em Revista é o veículo de comunicação da igreja evangélica Assembleia de Deus na Paraíba, com publicação bimestral. Tiragem: 6.000 exemplares. / Todas as informações contidas podem ser utilizadas e reproduzidas, desde que seja citada a fonte.

www.adpb.com.br - ADPB | 3


Pr. Eduardo Leandro Alves

Ramon Nascimento

Editor-chefe e Sec. Executivo de Missões da ADPB

Editor - Assesor de comunicação da ADJP

EDITORIAL

CULTURA DIGITAL (2)

A paz do Senhor, queridos...

Existem bons momentos na vida. Um deles é o reconhecimento, principalmente o reconhecimento de algo que erramos, pois isso nos tira um peso enorme da consciência. Bem, vou direto ao assunto: em um dos meus textos, os quais sempre escrevo, aqui, ao lado do pastor, eu afirmei que o mundo digital nos engoliu e que, quando entramos neste, torna-se um mundo sem saída. Estudando mais, percebi que não é bem assim. Explicarei isso melhor posteriormente, mas antes de tudo: ‘você me perdoa?’ Caso sim, então, vamos iniciando essa nova etapa por uma história real. Certo feriado, minha família, meus amigos e eu resolvemos rodear uma churrasqueira, e nos alimentarmos de uma deliciosa carne, acompanha da tão prejudicial, mas que não existe outra igual: coca-cola bem geladinha com pedaços de limão. Ficamos ali das 09 às 16 horas. Mas o que me chamou atenção foi um aparelhinho que estava superprotegido nas mãos de uma moça de 15 anos de idade, que, aqui, não é o foco dizer o nome, apenas o fato. Para todos nós a presença daquela moça era muito importante, principalmente pra minha esposa e eu, mas talvez pra ela mesma, o telefonezinho que ela segurava se tornou algo mais importante do que nós que ali estávamos. Isso é o que eu acho. Porque vejam bem: se ela nos dirigiu cerca de 5.000 palavras durante o dia, foi muito. E olhe que falamos em torno de 20.000 palavras por dia, mas o telefonezinho da moça não a permitiu. Inquieto, perguntei como ela estava acessando a internet se não tinha 2 coisas: primeiro, o chip dela não era 3G (ela mesma disse isso), apenas era um chip de ligações. E segundo, não tinha rede Wi-fi disponível, porque estávamos num local deserto. Mas fiquei impressionado quando ela me confessou no final do dia que estava apenas editando as fotos do celular. E agora? Existe saída pra isso? Há como não vivermos na dependência dos nossos computadores? Por que passamos tanto tempo diante de um tablet ou outro aparelho conectado ou não à internet? Por conta do espaço, responderei a você na próxima edição. Por enquanto, vá pensando...

É com muita alegria no Senhor que vos apresento o assunto que norteia a matéria de capa dessa edição. Falar a respeito do Fórum de Missões é falar de um sonho que nasceu em nossos corações há 10 anos, quando todos os secretários e líderes de Missões se reuniram para realizar em Fortaleza um movimento missionário das Assembleias de Deus no Nordeste. Desde 2004, o Senhor tem nos dado a oportunidade de pensar a Missão enquanto a tarefa mais importante e urgente da igreja. No Fórum de Missões do Nordeste, que aconteceu em Imperatriz do Maranhão, no início de Maio/2014, tivemos a oportunidade de dialogar com pessoas que amam e fazem a obra missionária local e transcultural. Por isso, convido você a ler a matéria, que começa na página 06. Conheço o Ministério Chi Alpha e sei da responsabilidade de seus líderes em pregar o Evangelho em campi universitários. Foi por isso que destinamos algumas páginas para a entrevista com jovens que desenvolvem o projeto na UFPB. O interessante é que nossos jovens não estão parados. Falar sobre Jesus no ambiente universitário é uma das tarefas mais difíceis, devido a filosofia dominante do mundo pós-moderno. Mas Cristo, com sua infinita graça e sabedoria, está capacitando essa juventude para enfrentar o pensamento deste século. Conversamos com o missionário Nelson Kleiton e ele falou conosco sobre as dificuldades e as bênçãos que recebeu enquanto esteve fazendo Missão no Senegal, ao lado da esposa, missionária Nívea Monteiro. E, por fim, a Missão transcultural segue caminhando. O missionário Joelson e família agradecem a Deus por 5 anos de trabalho, após passarem na Bolívia e agora, no Paraguai. O templo está quase pronto. Mas continuamos pedindo a sua ajuda em oração e em contribuição para o desenvolvimento desse projeto. A revista é dedicada a você. Por isso, leia-a com atenção e compartilhe com os demais tudo aquilo que Deus tem feito.

ONLINE 4 ADPB-

Conteúdo EDIFICANTE para sua vida www.adpb.com.br

igreja, reflexão e missões


Uma palavra de fé e esperança. Pr. José Carlos de Lima Pastor-presidente da ADPB e COMADEP

O desafio de Seguir

Jesus

Indo eles pelo caminho, alguém lhe disse: Senhor, seguir-te-ei para onde quer que fores. Respondeu-lhe Jesus: As raposas têm covis, e as aves do céu ninhos, mas o Filho do homem não tem onde reclinar a cabeça. Disse a outro: Segue-me. Mas ele respondeu: Senhor deixa que primeiro eu vá enterrar meu pai. Respondeu Jesus: Deixa aos mortos o enterrar os seus mortos, porém tu vai e anuncia o reino de Deus. Disse também outro: Senhor, eu te seguirei, mas deixa-me primeiro despedir dos que estão em minha casa. Jesus lhe disse: ninguém que lança mão do arado e olha para trás, é apto para o reino de Deus.” Lucas 9.57-62 Hoje é comum empresas trabalharem a questão motivacional de seus funcionários (ou colaboradores). A ideia é que pessoas desmotivadas nunca surpreenderão de forma positiva no desempenho de suas funções, com isso definem metas a serem alcançadas por cada funcionário e oferecem “bônus” aos que ultrapassam as metas estabelecidas. Boas empresas procuram bons funcionários. Bons marqueteiros mostram a necessidade dos consumidores de adquirirem determinados produtos (que às vezes nem precisam). Como Pastor, vejo essas questões (e outras que não temos tempo de listar) e penso sobre a Igreja em nosso tempo, em nossa geração. Há aqueles que lideram a Igreja com técnicas empresariais (o que é, no mínimo, complicado). Deixo claro que O Reino de Deus não é uma empresa, mas, a meu ver, a motivação em seguir Jesus precisa urgentemente ser revista. Até que ponto nós estaríamos dispostos a seguir o Mestre? Percebe-se que uma parte das pessoas hoje se tornou extremamente interesseira, deseja até seguir a Jesus desde que não seja para o gólgota, para o Calvário. Essas pessoas

ONLINE

enfatizam com muita veemência aquilo que Deus pode dar, mas se esquecem de proclamar aquilo que Deus requer de cada um que deseja segui-lo. Seguir a Jesus é um dos projetos mais interessantes e desafiadores da terra. É interessante pois trata-se de seguir e relacionar-se com o Criador, que assim como fez com Abraão, chama-nos para andar em sua presença e sermos perfeitos. E aqui é que está o desafio, pois nessa caminhada é preciso também abraçar uma cruz e negar a vontade própria, e isso realmente é muito difícil. Em um mundo que corre atrás da fama, riqueza, status, reconhecimento e coisas semelhantes, talvez Jesus não seja a pessoa mais interessante de ser seguida, visto que alguém que não tem onde reclinar a cabeça, para alguns deixa de ser o padrão de sucesso e realização na atual geração. Os “grandes homens” de negócio talvez pareçam pessoas melhores a serem imitadas para quem deseja a glória dessa terra. A resposta de Jesus é um verdadeiro balde de água fria para os interesseiros que provavelmente o acompanhavam. A pergunta a ser feita é: “Quantos de nós seguimos Jesus pelo que Ele é, e não simplesmente pelo que Ele dar? E se a única recompensa que nos fosse prometida nesta terra fosse o anonimato, será que mesmo assim pagaríamos o preço em segui-lo?” Às vezes a impressão que se tem é que para algumas pessoas o Evangelho perdeu o “brilho”, não é mais suficiente. Com isso colocam enfeites que na verdade diluem o Verdadeiro Evangelho de Jesus e tornam o Caminho em verdadeiros atalhos. Confundem a Igreja com locais de diversão, quando o objetivo da igreja não é entretenimento, mas sim comunicar a Verdade do Evangelho que, em muitos casos, entra em choque com a ordem vigente do dia, mas que ao final dá ao ser humano a vida eterna com Deus. Na leitura desse texto do Evangelista Lucas, percebe-se que Deus não deseja compartilhar o nosso coração com nada e com ninguém, por isso Ele requer total exclusividade. Segui-lo é caminhar por uma estrada sem volta. Não tem como andar com Ele olhando para trás. Fitar os olhos no Senhor da vida é o pré-requisito para quem deseja segui-lo de verdade. Como eu sempre digo aos obreiros; “É preciso queimar a jangada”. Ao seguirmos a Jesus não podemos voltar atrás, pois segui-lo também é lançar mão no arado. Nessa estrada sem volta ninguém pode ficar parado, pois a terra precisa ser trabalhada e cultivada para o dia da grande colheita que estar por vir.

Conteúdo EDIFICANTE para sua vida www.adpb.com.br www.adpb.com.br - ADPB | 5


Capa

Um Nordeste preocupado com a Missão O movimento missionário das Assembleias de Deus no Nordeste completa 10 anos O Fórum de Missões é um evento anual que vem desenvolvendo estratégias para a expansão e propagação do Evangelho em todo o mundo. A Assembleia de Deus é uma das denominações evangélicas brasileiras que está inserida no ranking daquelas que mais enviam missionários à missão local e transcultural. Porém, apenas enviar sem estabelecer metas, sem entender as necessidades particulares de cada cultura e sem pensar em soluções adequadas, a missão será desorganizada e sem prioridades. A proposta do Fórum, desde 2004, é pensar as necessidades e apre6 ADPB-

igreja, reflexão e missões

sentar soluções apropriadas e estabelecer prazos para sua aplicação. O Pastor Eduardo Leandro Alves (Presidente do Fórum de Missões do Nordeste e Secretário executivo de Missões da ADPB) denomina o Fórum como um movimento missionário das Assembleias de Deus do Nordeste. A missão desse movimento, mesmo estando ligado à UMADENE (União de Ministros das Assembleias de Deus no Nordeste) nunca foi discutir doutrinas, estatuto da igreja e outros pontos que são discutidos em eventos convencionais. “O Fó-

rum de Missões do Nordeste está para discutir temas relevantes no contexto

brasileiro e mundial no que diz respeito aos desafios do trabalho missionário das Assembleias de Deus”, destacou o

Pr. Eduardo. Após percorrer João Pessoa, Campina Grande, Natal, Abreu e Lima, Fortaleza, Aracajú, Salvador, Teresina e São Luís, a 10ª edição do Fórum de Missões aconteceu em Imperatriz, no Maranhão, a aproximadamente 1.700 km da capital paraibana. O evento começou no dia 30 de Abril e terminou na manhã de sábado, dia 03 de Maio. O fórum contou com a participação de pastores convencionais, líderes e secretários executivos de Missões e ainda conselheiros de Evangelismo e Missões. A maioria dos Estados nordestinos enviou caravanas. A Paraíba contou com 16 representantes, sendo 7 de João Pessoa e 9 de Campina Grande. Dentre eles, participaram do Fórum o presidente do Conselho de Evangelismo e


FÓRUM DE MISSÕES DO NoRDESTE

Almoço na Casa do Pr. Juan Antônio

Diretoria Foto: Baixaqui

Missões da COMADEP (Convenção de Ministros das Assembleias de Deus na Paraíba), o Pr. Antônio Dias, acompanhado do membro do Conselho, Pr. Vargas Gomes, e, ainda, o Secretário de Missões da Assembleia de Deus em Campina Grande, Pr. Pedro Tadeu. Este ano a mesa diretora do Fórum apresentou a proposta de criação de um devocional de 30 dias de oração pelo sertão nordestino, que inclusive já foi aprovado em plenário. A ideia é fazer um livro, em parceria com a Missão Juvep, que conhece muito bem o sertão nordestino, e daí cada secretaria de Missões da região receberá os livros já impressos e venderá à igreja, e todo o valor arrecadado será investido nos projetos missionários do próprio Nordeste. Para a diretoria do Fórum, a criação desse devocional tem dois motivos: primeiro é a criação de um exército de intercessores pela obra missionária. Toda a igreja nordestina estará orando durante o mês de Julho de 2015 pelas necessidades que

o livro nos apresentará a cada dia. É importante dizer que o conteúdo do livro devocional será elaborado pelas secretarias de Missões e pelos respectivos presidentes das Assembleias de Deus do Nordeste. E, segundo, é o fator financeiro, de modo que, com a arrecadação na venda dos livros, os projetos missionários do Nordeste terão mais recursos. O lançamento desse devocional já está marcado para acontecer no próximo Fórum de Missões, que será realizado nos dias 18, 19 e 20 de Abril de 2015, na Assembleia de Deus em Fortaleza/Ceará. Esse evento vai anteceder a Assembleia Geral Ordinária da CGADB que também vai acontecer em Fortaleza. A capital do Ceará foi a primeira cidade do Nordeste a realizar o Fórum de Missões no ano de 2004, cujo presidente era o Pr. Francisco Paixão, atual presidente do Conselho de Missões da UMADENE. O Pastor Anísio Nascimento (Secretário Nacional de Missões das Assembleias de Deus) também esteve

A cada 3 anos há uma eleição para escolher a diretoria que é composta pelos secretários executivos de Missões das Assembleias de Deus no Nordeste. Terminado mais um triênio, em Imperatriz/ MA houve nova eleição e os líderes de Missões aprovaram a seguinte composição: Presidente: Pr. Eduardo Leandro Alves - João Pessoa/PB 1º Vice-presidente: Pr. Francisco de Assis - Lago da Pedra/MA 2º Vice-presidente: Pr. Paulo Roberto - Fortaleza/CE 1º Secretário: Pr. Reinério Dantas - Teresina/PI 2º Secretário: Pr. Edvaldo Filho - Salvador/BA Conselheiros: Pr. Francisco Ramos da Paz Imperatriz/MA Pr. Francisco Paixão - Fortaleza/CE

www.adpb.com.br - ADPB | 7


Secretários e líderes de Missões no templo central da AD em Imperatriz do Maranhão. O terceiro, da esquerda pra direita, é o Secretário Nacional de Missões, Pr. Anísio Nascimento.

“É num fórum como esse que conseguimos reunir pastores, líderes, secretários de Missões, ou melhor, pessoas que amam a obra missionária para momentos de elaboração de estratégias para o Evangelismo. O Fórum de Missões em Imperatriz veio fortalecer um projeto que temos há mais de 20 anos, denominado de Campos Brancos. É muito bom contarmos experiências, ouvirmos outras, relatarmos necessidades e encontrarmos soluções para uma tarefa inacabada que só a igreja pode fazer” Pr. Raul Cavalcante (Presidente da Assembleia de Deus em Imperatriz/MA)

presente e enfatizou a consolidação de um Fórum que discute Missões há 10 anos: “O Fórum de Missões do Nordes-

te sinaliza a unidade da igreja, algo que não pode faltar quando tratamos de Missões. O Fórum é o local onde há uma troca de experiências, aquilo que pra mim é difícil, se torna fácil quando escuto a experiência do outro. A SENAMI (Secretaria Nacional de Missões das Assembleias de Deus) sente-se honrada em dialogar com os secretários de Missões do Nordeste num evento que pensa a produtividade da Missão 8 ADPB-

igreja, reflexão e missões

da igreja”.

dias 30 de Abril e 03 de Maio, o Fó A região Nordeste é a única re- rum de Missões do Nordeste. Uma gião que ocorre o Fórum, mas com esse oportunidade ímpar de discussões para último evento em Imperatriz, a região o crescimento da igreja seja na área Norte começou a se mobilizar para urbana, na região metropolitana, no criar, também, o Fórum de Missões do sertão e nos trabalhos transculturais. Norte. Por isso, no próximo ano, o Fó- Obrigado pela presença de todos. Deus rum de Missões será Norte/Nordeste os abençoe e se Ele nos permitir, nos encom o objetivo de atrair os líderes de contraremos em Fortaleza para relatar Missões do Norte para que, em 2016, aos irmãos o que Deus já fez e o que fará durante o ano de 2014, em nome eles realizem o evento naquela região. “A igreja evangélica Assem- de Jesus”, finalizou o Pr. Francisco Ra bleia de Deus em Imperatriz/MA mos da Paz (Secretário executivo de agradece a Deus por sediar entre os Missões da AD em Imperatriz/MA).


REFLEXÃO

pr. eduardo leandro alves

Certezas que

precisamos

ter

O que nos sustenta quando precisamos passar por momentos difíceis? Viktor Frankl, psicólogo judeu que sobreviveu aos campos de concentração nazistas, escreveu uma obra cuja questão central é essa. Ele fala do valor da esperança e da necessidade de se acreditar no amanhã. O que nos sustenta são nossas certezas quanto a vida e o que nos destrói é a falta delas. Para sermos felizes precisamos de boas certezas. Os salvos em Cristo são os que possuem as melhores e verdadeiras certezas sobre a vida. Quando olhamos para a história de várias pessoas, narradas na Bíblia, percebemos que elas possuíam uma esperança que ia além de pensamentos positivos, de ilusões juvenis ou ingenuidades. Por exemplo, em relação ao Rei Davi, no Salmo 23, ele tinha certezas de fé referentes a Deus. Estava completamente seguro de que a bondade e a fidelidade de Deus o acompanhariam todos os dias de sua vida e para sempre estaria em Sua presença (v.6). Esta é uma das certezas cristãs para a vida. Ela não se firma em nós porque sabemos algo ou lemos determinado livro. As certezas sobre Deus são que sustentam a vida nos momentos em que ela mais corre risco se firmam no cotidiano, no exercício da fé e na experiência com Deus. Vêm como decorrência de muitas orações, algumas respondidas e outras não. De dúvidas que levam tempo para se diluírem e exigem momentos a sós com o Pai, de conversas com nós mesmos e da escolha de continuar crendo. Num mundo que se esqueceu de Deus, aqueles que carregam certezas sobre Ele não as obtiveram no simplismo religioso. Quero citar alguns textos bíblicos que nos garantem que o NOSSO DEUS ESTÁ: Diante de Nós: “Para onde subiremos? Nossos irmãos fizeram com que se derretesse o nosso coração, dizendo: Maior e mais alto é este povo do que nós, as cidades são grandes e fortificadas até aos céus; e também vimos ali filhos dos gigantes. Então eu vos disse: Não vos espanteis, nem os temais. O Senhor vosso Deus que vai adiante de vós, ele pelejará por vós, conforme a tudo o que fez convosco, diante de vossos olhos, no Egito” (Dt 1.28-30).

Atrás de nós: “Porque vós não saireis apressadamente, nem ireis fugindo; porque o Senhor irá diante de vós, e o Deus de Israel será a vossa retaguarda” (Is 52.12). Sobre nós: “Não havendo ainda palavra alguma na minha língua, eis que logo, ó Senhor, tudo conheces. Tu me cercaste por detrás e por diante, e puseste sobre mim a tua mão” (Sl 139.4-5). Por baixo de Nós: “Não há outro, ó Jesurum, semelhante a Deus, que cavalga sobre os céus para a tua ajuda, e com a sua majestade sobre as mais altas nuvens. O Deus eterno é a tua habitação, e por baixo estão os braços eternos; e ele lançará o inimigo de diante de ti, e dirá: Destrói-o” (Dt 33.26-27). Ao nosso Redor: “Os que confiam no SENHOR serão como o monte de Sião, que não se abala, mas permanece para sempre. Assim como estão os montes à roda de Jerusalém, assim o Senhor está em volta do seu povo desde agora e para sempre” (Sl 125.1-2). Em nós: “Ou não sabeis que o vosso corpo é o templo do Espírito Santo, que habita em vós, proveniente de Deus, e que não sois de vós mesmos? Porque fostes comprados por bom preço; glorificai, pois, a Deus no vosso corpo, e no vosso espírito, os quais pertencem a Deus” (1 Co 6.19-20). Conosco: “Aquietai-vos, e sabei que eu sou Deus; serei exaltado entre os gentios; serei exaltado sobre a terra. O Senhor dos Exércitos está conosco; o Deus de Jacó é o nosso refúgio” (Sl 46.10-11). Se queremos ser felizes precisamos ir além de nossas rotinas religiosas, pois precisamos nutrir certezas que nos sustentem diante dos revezes, altamente possíveis, da vida. Por isso não passe um dia sequer sem conversas de fé, com Deus e com pessoas. Exercite-se espiritualmente, tomando decisões em função de valores do Reino de Deus, como amor, fidelidade, pureza, humildade e tantos outros. E assim, dia a dia, a presença de Deus será tão certa, que as incertezas da vida não serão capazes de roubar sua felicidade. “Não tenho medo do amanhã, Deus já está lá.” www.adpb.com.br - ADPB | 9


SEMAD

Visitas da Secretaria de Missões EM CAMPINA GRANDE O templo central da Assembleia de Deus em Campina Grande/ PB recebeu, no dia 04 de Maio, o missionário e pastor Elyvaldo Mendes. Na oportunidade, ele representou a Semad-PB. Neste culto, o Senhor Jesus salvou e curou. Também esteve presente o coral masculino Filhos de Asafe, do templo central da ADPB.

EM sAPÉ A Secretaria de Missões da Assembleia de Deus na Paraíba foi representada pelo missionário Rosenildo Maciel no culto de Missões da congregação que fica localizada no bairro São Francisco, no município de Sapé. O culto foi no dia 27 de Abril de 2014 e, de acordo com o missionário, muita gente foi renovada pelo poder da Palavra de Deus que foi ministrada. Uma pessoa aceitou a Cristo como salvador.

EM JOÃO PESSOA A Semad-PB apoiou um projeto social realizado pela congregação da AD na comunidade do Baleado, em Cruz das Armas. No dia 28 de Março houve um evento infantil com o apoio do Charis Kids, no qual participaram mais de 300 crianças. Na oportunidade, foram distribuídos brindes e algodão doce para a criançada. Enquanto isso, eles também montaram uma estrutura para a emissão de documentos, com o apoio 10 ADPB-

igreja, reflexão e missões

do Projeto Cidadão do governo do Estado e atendimento médico, através do departamento de Ação Social da ADPB. A coordenação do evento ficou por conta do Diácono Sérgio Nascimento, do Auxiliar Márcio Campos e do Presbítero Jailson Azevedo, os quais foram orientados pelo dirigente da congregação, o Evangelista Fábio Pereira, a buscar apoio frente à empresas e aos órgãos

competentes. Já no dia 29, à tarde, houve um período de louvor para a juventude e a pregação da Palavra de Deus pelo jovem Manassés, que veio do Recife/ PE. No encerramento do evento, no sábado à noite, o Espírito Santo impactou o coração de 9 pessoas, as quais aceitaram a Jesus como Salvador, totalizando, em todo evento, 11 vidas resgatadas para o Reino.


relatório missionário joelson e maria das neves

Agradecimento por 5 anos na missão

Completando 5 anos que fomos enviados à missão transcultural, mais precisamente no dia 05 de Maio de 2009, queremos tão somente agradecer a Deus, por tudo que Ele tem realizado em nossas vidas e, ainda, pelo seu infinito amor. Agradecemos também ao Pr. José Carlos de Lima (presidente da ADPB e COMADEP), ao Pr. Eduardo Leandro Alves (secretário executivo de Missões), ao Pr. Marinaldo Soares Lopes (2º Vice-presidente da igreja), a todos os agentes de Missões e cooperadores da obra, pelo vosso trabalho realizado. Que Deus em Cristo continue vos abençoando cada dia mais. Lembro-me bem quando o Pr. José Carlos nos comunicou que seríamos enviados à Bolívia, na época, tínhamos passado 11 meses na antiga cidade de Santarém, hoje chamada de Joca Claudino. Naquela cidade realizamos vários trabalhos. Após passarmos apenas 4 meses na Bolívia, fomos enviados ao Paraguai e desembarcamos na cidade de Itaugua. Enfrentamos muitas lutas, mas em todas o Senhor nos deu vitória. Fomos enviados a outra cidade chamada Natálio, após passarmos 1 ano e 4 meses em Itaugua. Minha família

e eu tínhamos a missão de realizarmos um trabalho de implantação de uma nova igreja em Natálio. E depois de quase 2 semanas de muita chuva, começamos a preparar o salão que alugamos e demos início ao trabalho infantil. No dia 27 de Fevereiro de 2011 fizemos o primeiro culto de pregação do Evangelho em Natálio. Hoje, graças a Deus, com o apoio da Semad-PB e de todos os irmãos que colaboram com a obra missionária, já estamos com 45% da construção do templo em conclusão. Esperamos que o grande Deus continue a usar a vida de todos os irmãos para que seja erguido o templo da Assembleia de Deus em Natálio/Paraguai. Meu amado irmão ou irmã, temos presenciado milagres de Deus nas nossas vidas e na vida da igreja aqui no Paraguai. São tantos, que se eu fosse contar nesta página não haveria espaço. Mas o editor dessa revista nos garantiu que na próxima edição fará uma entrevista conosco e reservará 2 páginas de modo que possamos contar as principais maravilhas daquilo que o Senhor tem feito desde que fomos enviados à Bolívia.

Que Deus em Cristo vos abençoe e até a próxima! www.adpb.com.br - ADPB | 11


JOVENS

Por: Ramon Nascimento

XA - Breve Histórico O Chi Alpha - XA (geralmente conhecido como Chi Alpha Christian Fellowship) é um ministério estudantil das Assembleias de Deus que opera em vários países, em todos os continentes ao redor do mundo, congregando os cristãos nas universidades públicas e privadas. No Brasil, o Chi Alpha é ligado à agência Pés Formosos, estando presente em várias cidades, dentre elas, João Pessoa/PB, onde está estabelecido com o apoio da Assembleia de Deus, através da secretaria de Missões (SEMAD-PB) e do Centro de Estudos da Assembleia de Deus na Paraíba (CETAD-PB). 12 ADPB-

igreja, reflexão e missões

Achar que entrar numa universidade vai afastá-lo de Deus, fazê-lo esfriar na fé, é deixar-se levar por um pensamento equivocado. Hoje, existem muitas agências missionárias que estão investindo no evangelismo universitário, propagando a mensagem de Cristo a estudantes de todas as áreas científicas, com o objetivo de fazê-los entender a salvação em Jesus, além de reunir os convertidos para um momento de louvor, pregação e oração ao nosso Deus. Você pode fazer parte dessa agência também. Foi nas dependências da Universidade Federal da Paraíba (UFPB), campus João Pessoa, que fomos conversar com os líderes de grupo Chi Alpha, um Ministério da Assembleia de Deus norte-americana que teve seu início no ano de 1947, e hoje está presente na maioria das universidades dos Estados Unidos, da Europa e do Brasil.

Como chegou ao país?

O Chi Alpha tem sido fruto do esforço de missionários americanos e líderes brasileiros para fortalecer o evangelismo entre os universitários. Nos últimos anos, os missionários americanos Jonh Koeshall e Anita Koeshall, que são os líderes do ministério estudantil Students for Christ - Europe, têm vindo ao país com

o objetivo de fortalecer esse tipo de evangelismo e capacitar novos líderes brasileiros. O diretor do Chi Alpha no Brasil é o Pastor Richard Zeenbergen (Assembleia de Deus em Joinville/ SC); o vice-diretor é o Evangelista Jossy Soares (Assembleia de Deus em Cuiabá/MT); e o coordenador do Chi Alpha no Nordeste é o irmão Jesiel Claudino (Assembleia de Deus em João Pessoa/PB).

Nossa relação com a Missão

Em João Pessoa, nos anos de 1992 e 1993, alguns irmãos dedicaramse ao evangelismo pessoal e em massa, com a realização de impactos evangelísticos urbanos e grandes concentrações evangelísticas. Havia muitos universitários entre estes e, assim, sentiram a necessidade de realizar eventos na universidade, pois era um local de muita resistência à Palavra de Deus. Esses eventos foram chamados de Encontros de Cultura Cristã, e consistiam em palestras, apresentações musicais e evangelismo pessoal. Um dia, esses irmãos realizaram um importante evento na UFPB, sob a liderança do Evangelista Jossy (na época membro da AD em João Pessoa), e convidaram o então presidente da Assembleia de Deus na Paraíba, Pr. Antônio Fernandes das


COMUNHÃO CRISTÃ NA UNIVERSIDADE

Informações: www.facebook.com/xaparaiba chialphajp@gmail.com

Chagas. Após a pregação do pastor, vidas se renderam ao Senhor dentro da universidade federal. Com a expansão do trabalho, sentiu-se a necessidade de organizálo sob a forma de uma agência de evangelismo. Logo o trabalho chegou a outros Estados brasileiros e hoje, a agência Pés Formosos possui uma sede operacional em Cuiabá/MT e desenvolve o Chi Alpha como um braço da missão.

A Missão do Chi Alpha em João Pessoa

Carlos Alberto é um jovem assembleiano que cursa o 4 período de Engenharia Química. Esse jovem foi impactado por Deus, assim que entrou na universidade, para iniciar uma reunião de oração com o objetivo de que Deus começasse a trabalhar na vida dos alunos de sua turma. Foi a partir daí que ele conheceu um jovem batista, chamado Romário Ewerton, que fazia parte da turma, e juntos iniciaram um círculo de oração dentro da sala de aula da UFPB. Eles oravam, louvavam e falavam do amor de Deus para seus colegas. Enquanto isso, outro jovem, chamado Rinaldo Mendes, também passou no vestibular para cursar Engenharia Química, entrando um período depois que Carlos e Romário. Após participarem de vários seminários

de evangelismo universitário, os jovens assembleianos, Rinaldo, juntamente com seus amigos Gyordano e Aynara, esta última estava terminando o mestrado, decidiram iniciar o Ministério Chi Alpha na UFPB. Nesse ínterim, Carlos soube que eles iriam desenvolver o Ministério na universidade e convidou Romário para participar de uma reunião. Após conhecerem, eles prepararam uma carta-convite para que os alunos de Engenharia Química pudesse participar da reunião inaugural do Chi Alpha na UFPB. E foi no dia 21 de Fevereiro de 2013 que a primeira reunião do grupo aconteceu na Central de Aulas e daí aquele círculo de oração que Carlos já fazia entre os alunos de sua turma passou a se chamar reunião de oração na UFPB Chi Alpha. De acordo com o coordenador Jesiel Claudino, desde 2010 estavam acontecendo seminários de evangelismo estudantil em João Pessoa.

“Lembro bem que na primeira reunião do Chi Alpha na UFPB, participaram 7 alunos. 1 ano e 4 meses depois contamos com 50 pessoas que participam das diversas reuniões em horários e dias diferentes. Existem 3 grupos aqui na UFPB, liderados por Carlos, Romário e Rinaldo”,

enfatizou Jesiel. O Ministério de evangelismo universitário é focado na conversão e

discipulado dos novos crentes, porém essa missão não pode jamais estar desvinculada de uma igreja local, pois só ela pode dar o suporte para o discipulado. Além disso, o Chi Alpha entende que é no campus universitário que está o maior desafio missionário, pois é lá que está a base de formação de toda a sociedade. É de lá que saem os futuros políticos, profissionais liberais e autônomos, professores e etc. Romário se lembra de um fato em que um grupo de amigos de uma menina, que estava em depressão, trouxe-na para o que eles chamavam de reunião dos crentes na universidade. Quando ela chegou à reunião, eles falaram de Cristo e Deus começou a trabalhar na vida dela e depois ela o aceitou e foi liberta da depressão. Atualmente, Carlos está indo estudar no Canadá e Aynara, aquela que iniciou as reuniões, depois de passar um tempo nos Estados Unidos, volta para a UFPB, após passar num concurso para professora do departamento de Música. “Deus está abrindo portas. Aleluia!”, finaliza Rinaldo. www.adpb.com.br - ADPB | 13


EM MISSÃO

Ser cristão entre mulçumanos O missionário Nelson Kleiton conversa conosco sobre a difícil, porém prazerosa, tarefa de pregar o Evangelho no Senegal/África Por: Ramon Nascimento

Foto: Flickr

O casal de missionários Nelson Kleiton e Nívea Monteiro, pais da linda criança chamada Victória, estão em João Pessoa/PB cooperando com a secretaria de Missões da igreja até a data de retornar ao continente africano e, enquanto isso, acompanham o crescimento da filha. Eles estavam em Rufisque, cerca de 60 Km de Dakar (capital do Senegal), e na época, foram enviados pela Semad-PB, em parceria com a missão Kairós. O fato de um recém-casado viver num país de maioria mulçumana (cerca de 90% da população) e ainda ter de aprender o idioma francês e seus dialetos, tornou-se a maior dificuldade que o casal enfrentou. Porém Deus, por sua infinita misericórdia, cuidou deles todos os dias e não permitiu que nada lhes acontecessem. Nelson Kleiton é de Guarabira, 14 ADPB-

igreja, reflexão e missões

cidade do brejo paraibano, e nos disse que, desde que aceitou a Cristo, nasceu nele o amor em fazer missões, mas foi no ano de 1996 que, ao ler à biografia do primeiro missionário enviado à China pela igreja britânica, chamado Robert Morrison (1782 – 1834), que ele sentiu verdadeiramente o coração palpitar pela obra missionária. Fizemos uma entrevista com Nelson e ele nos relatou as maravilhas que Deus fez enquanto ele estava na obra missionária. Além de nos dizer como superou os dias após sua esposa perder um bebê e compartilha também dos seus desejos para a África. (ADPB EM REVISTA) – Quando você foi estudar para ir ao campo missionário, você era solteiro. Seus pais e amigos quiseram interferir naquele momento?

Miss. Nelson: Meus pais sempre entenderam minha chamada. Lembro de que muito antes disso acontecer na minha vida, meu pai chegou pra mim e disse: “Filho, Deus me disse que você

não ficará aqui por muito tempo. Logo, Ele te levará para pregar o Evangelho em terras distantes”.

Agora meus amigos, sim. Certo dia, um me trouxe um exemplar de uma revista de missões, mostrando as dificuldades do campo missionário. Ele pensou que eu iria desanimar, mas foi o contrário, Deus me deu mais forças para seguir. (ADPB EM REVISTA) – Como é viver no Senegal? Miss. Nelson: Um país de educação, saúde e de economia extremamente precários. Porém de um povo sedento de salvação em Cristo. Quanto à espiritualidade é hostil. Senegal é um país


de mulçumanos, por isso que existem mesquitas em toda a parte. Muitas vezes me sentia sufocado por quase não ver um cristão. Mas, graças a Deus, eles nos respeitaram por todo o tempo que estivemos lá e a obra do Senhor foi feita. (ADPB EM REVISTA) – Existe perseguição? Miss. Nelson: A prisão do nosso irmão em Cristo, Pr. José Dilson foi notícia em todo o mundo. Isto é apenas um exemplo. Ele foi preso acusado de vários crimes, simplesmente porque estava pregando o Evangelho para as crianças. Na época em que o Pr. Eduardo Leandro esteve lá, fomos pessoalmente visitá-lo na prisão. Depois de um tempo, eles o soltaram e hoje ele aguarda julgamento em liberdade. Até aproveito aqui para rogar a oração dos santos em seu favor, para que o Senhor lhe dê vitória. (ADPB EM REVISTA) – A irmã Nívea perdeu o primeiro bebê. Como vocês superaram a dor? Miss. Nelson: O choro durou uma noite, mas a alegria veio ao amanhecer. Hoje,

nossa filha Victória está com 10 meses de muita saúde e energia. Deus, através dela, tem nos feito superar dia após dia. (ADPB EM REVISTA) – Foi fácil deixar a Paraíba para fazer missão na África? Miss. Nelson: Não foi fácil, inclusive viajei 2 vezes e ainda não me acostumei, mas quando vou, sinto paz ao fazer a vontade do meu Senhor. Você que está lendo essa revista agora, se você tem uma chamada de Deus, mas não se concretizou, não desanime. Outra coisa: a separação da família dói, mas o

Senhor sempre nos dá irmãos e amigos, no meu caso, até mulçumanos. RÁPIDA: 1. Filosofia de vida: Imitar a Cristo 2. Sonho: Ver a África rendida aos pés de Cristo 3. Livro: O caçador de pipas 4. Música: Aquela que glorifica a Deus 5. Versículo: “Mas alcançando socorro de Deus permaneço até o dia de hoje” Atos 26.22ª www.adpb.com.br - ADPB | 15


ADPB em Revista - 06/2014  
ADPB em Revista - 06/2014  

Assembléia de Deus na Paraíba

Advertisement