Page 1

http://paredespsvencera.blogspot.com/

COMUNICADO

AUMENTOS SUCEDEM-SE CÂMARA NÃO PÁRA DE COMPLICAR A VIDA DOS PAREDENSES A câmara de Paredes não tem noção da realidade actual, especialmente no capítulo das dificuldades que as pessoas enfrentam. Só assim se podem explicar os desmedidos aumentos que vão ser aplicados aos habitantes de Paredes, em 2012. É o novo paradigma do PSD! O governo reduz os rendimentos dos portugueses e a câmara de Paredes, pela mão do PSD local, aumenta exageradamente e sem o menor pudor, os custos fixos das famílias. Quando o Orçamento para este ano foi aprovado, os vereadores do Partido Socialista, para além de o terem rejeitado, denunciaram publicamente as decisões da câmara liderada pelo PSD, de aumentar as taxas de saneamento em mais de 100%, de manter o IMI e as derramas nos valores máximos permitidos por lei e de dificultar a actividade das empresas, exorbitando nas taxas de publicidade. TAXAS DE SANEAMENTO CRESCEM MAIS DE 100%. ÁGUA AUMENTA 10% Mas, para quem pensasse que o pesadelo estaria controlado, tudo se alterou e, de novo, a câmara de Paredes vem agravar, ainda mais, a vida dos munícipes. Desta vez é o custo da água e, como é próprio do PSD local, o aumento será, no mínimo, de +10%! Na opinião dos vereadores do Partido Socialista, Celso Ferreira insiste em aplicar aumentos brutais a serviços essenciais para os cidadãos e dos quais não podem prescindir. Só quem não tem noção da realidade pode prosseguir uma politica que acrescenta dificuldade às dificuldades. A programada redução dos rendimentos das famílias, o corte de cerca de 15% aos funcionários públicos e reformados, imposto pelo governo e combatido pelo PS e presidente da república, dispensava bem aumentos tão inoportunos e desadequados da realidade actual. Os vereadores socialistas entendem que só quem revela desprezo pelas dificuldades dos cidadãos é capaz de impor aumentos brutais, com o fim de manter “vícios” megalómanos e exibicionismos bacocos, como a construção do mastro para a maior bandeira do mundo (!) – uma aventura que continua a consumir dezenas de milhares de euros (é o custo das vaidades de Celso Ferreira) – ou a cooperação internacional, tarefa do Estado e não da autarquia, de uma hipotética cidade inteligente, que Sede do PS PAREDES Avenida da República, n.º 136, 1º Andar, Esc. 3 4580-193 Paredes

Paredes


começou por ser um projecto que daria emprego a 100.000 pessoas (!), baixou mais tarde para 20.000, depois para 10.000 e, ao que se sabe, agora para 300. Até este momento, não passou de mais uma megalomania irrealizável. A verdade é que os projectos irrealizáveis do presidente da câmara, tipo pista de “fórmula 1”, campo de golfe, parque de campismo e tantos outros, acabam sempre por ter custos (para o mastro são várias dezenas de milhares de euros) e, em última análise, quem paga é o povo de Paredes. Para os socialistas, as consequências estão à vista. A câmara começa a ficar descredibilizada perante o sector bancário e as dificuldades na realização de projectos avoluma-se. A prova disso está no facto de, na última reunião do Executivo, se ter constatado que, para contrair mais um empréstimo, a câmara convidou 6 bancos e que apenas 1 respondeu, mas reduzindo a menos de metade o valor do empréstimo solicitado. Segundo os vereadores do PS “a situação a que o PSD local levou a câmara, envergonha toda a gente”. CÂMARA DESCREDIBILIZADA PERANTE SECTOR BANCÁRIO Recorde-se que apesar de continuar a entregar obras por administração directa – prática condenada pelos vereadores socialistas – Celso Ferreira confessou, em entrevista ao semanário Verdadeiro Olhar, que a situação só lhe permite fazer reparações urgentes e, na ausência de argumentos para esclarecer a situação, aproveita para, como é seu hábito, insultar os vereadores socialistas e violentar a inteligência dos paredenses. Os paredenses têm o direito de saber qual é a real situação da câmara de Paredes. Na última reunião, os socialistas quiseram saber quantos milhares de euros custou a aventura megalómana de Celso Ferreira com o mastro, mas o presidente afirmou que desconhecia. Os socialistas sustentam que a incapacidade do PSD de Celso Ferreira para responder aos requerimentos da oposição é gritante e, como ficou claro na primeira reunião de Fevereiro, realizada em Janeiro, parece que a câmara, à semelhança do que está a acontecer com os Bancos, só consegue uma empresa para realizar obras no concelho e essa, tem já adjudicações acumuladas muito próximo dos 10 milhões. Para quem não consegue um empréstimo de curto prazo de 2 milhões, manter a intenção de realizar um orçamento superior a 130 milhões, dá para perceber o mundo que anima a megalomania dos eleitos pelo PSD local no executivo camarário, afirmam os vereadores do PS.

Sede do PS PAREDES Avenida da República, n.º 136, 1º Andar, Esc. 3 4580-193 Paredes

Paredes

CÂMARA NÃO PÁRA DE COMPLICAR A VIDA DOS PAREDENSES  

A câmara de Paredes não tem noção da realidade actual, especialmente no capítulo das dificuldades que as pessoas enfrentam. Só assim se pode...

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you