Page 1

Dezembro/2014 - Janeiro/2015 Ano X / Nยบ 47 / R$ 11,90

capa 47.indd 1

06/01/2015 11:46:31


Anuncio -Balcony Brasil- ed 47.indd 2

06/01/2015 12:03:27


Anuncio -Balcony Brasil- ed 47.indd 3

06/01/2015 12:03:28


arteambiente 47.indb 4

06/12/2014 17:21:49


arteambiente 47.indb 5

06/12/2014 17:21:51


arteambiente 47.indb 6

06/12/2014 17:21:54


arteambiente 47.indb 7

06/12/2014 17:21:56


arteambiente 47.indb 8

06/12/2014 17:21:58


arteambiente 47.indb 9

06/12/2014 17:22:00


Apartamento no bairro 13 de Julho – Aracaju/SE

Anuncio Vidro Home-Reiki - ed 47.indd 10

09/12/2014 11:26:14


arteambiente 47.indb 11

06/12/2014 17:22:04


C

M

Y

CM

MY

CY

CMY

K

arteambiente 47.indb 12

06/12/2014 17:22:05


arteambiente 47.indb 13

06/12/2014 17:22:06


arteambiente 47.indb 14

06/12/2014 17:22:07


arteambiente 47.indb 15

06/12/2014 17:22:11


Ícones Mundiais

Diamond Chair Projetada na década de 50 e i n s pi ra d a n o for m a to de u m diamante, a Diamond Ch air é um clássico do design moderno que valoriza qualquer ambiente, além de ter sido ganhadora do Certificado de Mérito do Designer do Ano, do Instituto americano de arquitetura, de 1955. A intenção de Bertoia ao projetar essa poltrona foi de valorizar a funcionalidade do objeto, o jogo entre a forma e espaço e a flexibilidade do metal. Assim, a Diamond Chair possui uma forma inusitada, mas que se adapta ao formato do corpo do usuário, proporcionando maior conforto e m s e u u s o. S u a e s tr u t u ra é construída em arame trefilado com acabamento cromado, acompanha almofada de assento em couro ecológico.

Harry Bertoia Nascido em Udine na Itália em 1915, Harry Bertoia emigrou com seus familiares para os Estados Unidos em 1930. Formou-se na Cass Technical Hight School de Detroit em 1936, e de 1937 à 1939 foi bolsista na Cranbrook Academy of Arts, onde lecionou até 1943. Em Cranbrook, Bertoia rapidamente fez amigos, e teve Eero Saarinen e Charles Eames parceiros com quem trabalhou nos anos seguintes. Casou-se com Brigitta Valentines e juntou-se aos Eames em seu ateliê a partir do ano de 1943 onde desenvolveram um método de fabricar madeira prensada que, mais tarde, iria influenciar definitivamente os processos de fabricação de mobiliário e o seu próprio design. Na década de 50, construiu mais uma forte relação com outra colega de Cranbrook, Florence Knoll, que tinha um ateliê na Pensilvânia e lhe ofereceu um ambiente de trabalho totalmente motivador. Ali, desenhou uma linha de cadeiras em fio metálico para a Knoll International, que alcançou tanto sucesso comercial, permitindo assim que se dedicasse à sua carreira de escultor, sua maior paixão.

16 | revista arteambiente

arteambiente 47.indb 16

06/12/2014 17:22:12


arteambiente 47.indb 17

06/12/2014 17:22:14


75

SUMÁRIO 16 - Ícones mundiais Harry Bertoia

24 - Entrevista Nova diretoria CAU/SE

34 - notas 40 - Arquitetando Luiz Fernando

46 - Decorando Jacqueline Oliveira

52 - Meu Projeto Lara Borges

48 - Prático e Funcional

24

56 - Tendências Casas para veranear

18 | revista arteambiente

arteambiente 47.indb 18

06/12/2014 17:22:19


arteambiente 47.indb 19

09/12/2014 16:08:36


56

52

62 - Ambiente Particular Gabrielle Mitidieri

66 - Internacional Buenos Aires

72 - Perfil Empresarial ATM Viagens

74 - Objetos de Desejo 75 - Prêmio ArteAmbiente 2014 Cobertura completa

144

134 - Decoração Carrinhos de Apoio

137 - Responsabilidade Social Espaço Design Gacc

138 - Espaço CAU-SE 140 - Feiras e Mostras Casa Cor Bahia

144 - Galeria Willy Valenzuela

148 - evento Evidência

150 - evento Vida Vip 2015

152 - evento

16 62

140

Mário Britto lança livros

154 - Onde Encontrar 155 - Arte e Letra 20 | revista arteambiente

arteambiente 47.indb 20

09/12/2014 16:08:49


arteambiente 47.indb 21

09/12/2014 16:08:50


Editorial

Hora de renovar

É

chegada a época de passar um pente fino nos acertos e erros ocorridos durante o ano que passou. É hora de comemorar o que deu certo e ter a sobriedade para perceber os motivos que levaram algo ao insucesso. Isso se chama ganhar experiência. Tudo para que o novo ano que chega seja melhor do que o que passou. É o que desejamos a todos os nossos leitores: reflexão para buscar uma vida feliz. Lembre-se daquele provérbio chinês “Antes de começar o trabalho de mudar o mundo, dê três voltas dentro de sua casa.”

Nós da ArteAmbiente celebramos o final do ano junto com a entrega do Anuário de Arquitetura e Decoração ArteAmbiente, disponível nas grandes livrarias da cidade. Na festa de apresentação, reunimos os principais profissionais da área do estado, apresentando projetos que simbolizam a essência dos seus trabalhos. Chegamos ao 3º Prêmio ArteAmbiente de Arquitetura e Decoração mais fortes. Os premiados foram selecionados pelo olhar refinado de profissionais peso nacional, como os arquitetos Zezinho e Turíbio, de Pernambuco, Osvaldo Tenório, de Alagoas, Sidney Quintela e a designer de interiores Cátia Bacellar, ambos da Bahia. Isso só reafirma a seriedade do prêmio e o valoriza ainda mais.

Capa: Cobertura Especial da Festa do Anuário e Prêmio ArteAmbiente de Arquitetura e Decoração

expediente Direção Geral Jonatal Sousa e Leonardo Mittaraquis Comercial Jonatal Sousa ((79) 9828-9452) Lídice Rodrigues ((79) 9902-7763) Meire Mittaraquis ((79) 9828-9435) Criação Leonardo Mittaraquis ((79) 9828-9405) Josué Jackson - Diretor de Arte Diego Ferreira - Designer Gráfico

Nesta última edição do ano, trazemos ainda uma entrevista exclusiva com a nova diretoria do CAU/SE, que tomará posse no dia 5 de janeiro, e revela um pouco sobre as metas do conselho até 2017. Em Tendências, uma matéria relaxante sobre duas casas para veranear, a primeira na Bahia, com projeto assinado pelas arquitetas Simone Selem e Gizélia Souto, no condomínio de Interlagos, a segunda, em Aracaju, com projeto do arquiteto Wesley Lemos, que propõe um life style ao lazer o ano inteiro com espaço gourmet bem diferenciado.

Editora Roberta Nascimento DRT 1.068 SE

Em Galeria, Mário Britto exibe o artista plástico Willy Valenzuela e suas obras atemporais, voltadas ao futuro. A seção Internacional nos convida a um passeio delicioso pela capital Argentina, mostrando o melhor de sua arquitetura e atrações turísticas. E claro, a cobertura completa da grande festa do Anuário ArteAmbiente.

Administrativo Rosilane Mesquita Dayana Araújo

Um feliz 2015, boas energias para sua casa, e muito sucesso!

Fotógrafos Álvaro Rocha Ivve Rodrigues Martha Oliveira Colaboradores Léo A. Mittaraquis Mário Britto

Tiragem 7.000 Exemplares ISSN 2238-6971 A Revista ArteAmbiente é uma publicação da Editora e Gráfica ArteAmbiente Ltda, com CNPJ 09.454.712/0001-55. A Editora ArteAmbiente não se responsabiliza por conceitos emitidos em artigos assinados. Dezembro 2014/Janeiro 2015. Informações: Tel.: (79) 3231-3475 arteambiente@editoraarteambiente.com www.editoraarteambiente.com

22 | revista arteambiente

arteambiente 47.indb 22

09/12/2014 16:08:51


arteambiente 47.indb 23

09/12/2014 16:08:52


Entrevista

Nova diretoria

CAU/SE Roberta nascimento

O Conselho de Arquitetura e Urbanismo de Sergipe CAU/SE ganhou novo rumo desde o dia 5 de novembro, quando houve eleição para nova diretoria. Nesta eleição, cujo voto foi obrigatório, 650 arquitetos e urbanistas foram às urnas. A Chapa Um CAU para os Arquitetos, composta por Marcelo Augusto Costa Maciel, Fernando Márcio de Oliveira, Ana Maria de Souza Martins Farias, José Queiroz da Costa Filho, Alysson Clay Henriques Borges, Rodrigo Fonseca Goncalves, Edson Marques Figueiredo, Fernando Antônio Santos de Souza, Rozana Rivas de Araújo, Rosany Albuquerque Matos, Júlio Cesar Oliveira Santana e Marcos Vinicius Santana Prudente, venceu e ocupará cinco das sete vagas no plenário do conselho, iniciando os trabalhos a partir de 1º de janeiro de 2015.

ivve rodrigues

Uma das metas da nova gestão é estreitar a relação do conselho com os profissionais, promover conversas abertas com os Arquitetos e Urbanistas (seja em forma de seminários, encontros, divulgação de newsletters, etc.), a fim de esclarecer as decisões e resoluções que mais impactam no exercício profissional. O Código de Ética e a nova resolução que trata dos Registros de Responsabilidade Técnica, que passará a vigorar em março de 2015, estão no foco das discussões. Nesta entrevista exclusiva à ArteAmbiente, você fica sabendo o que pensa a nova diretoria sobre assuntos relevantes da arquitetura como a mobilidade e o planejamento urbano, posicionamento sobre RT’s, honorários, além das diretrizes para a nova gestão que guiará o CAU/SE até 2017.

24 | revista arteambiente

arteambiente 47.indb 24

09/12/2014 16:08:52


Arte Ambiente –Qual a importância do CAU/SE para os arquitetos e a sociedade? Já dá para dimensionar o impacto da criação do CAU para o exercício da profissão? Diretoria CAU/SE –O conselho profissional existe com a finalidade de regulamentar o exercício da profissão, ao criar/aprimorar procedimentos e normas de controle, de forma a proteger os profissionais e a sociedade das ações ilegais cometidas dentro do rol das atribuições da profissão. Nestes primeiros três anos de existência do CAU, foi necessária a criação de diversas normativas que vieram estruturar o funcionamento do conselho em todas as 27 unidades

da federação, além do CAU/BR. No ano da fundação do CAU, haviam 95.169 profissionais ativos no Brasil, sendo 540 em Sergipe. Hoje temos um conselho criado, pensado e organizado para tratar especificamente das causas dos arquitetos e urbanistas. Somos um conselho uniprofissional e, por isso, temos mais condições de atender às demandas da profissão e da sociedade.

Arte Ambiente –Quais as metas e os projetos desta nova diretoria? O que o conselho pretende direcionar à classe de arquitetos e urbanistas? Diretoria CAU/SE – A nova composição do CAU/SE contará com cinco novos membros ti-

dezembro 2014 / janeiro 2015 | 25

arteambiente 47.indb 25

09/12/2014 16:08:55


tulares, que foram eleitos na chapa vencedora e mais duas arquitetas e urbanistas que participam da gestão atual. A presidência será decidida na primeira reunião do ano, que acontecerá até o dia 10/01/2015, bem como a direção geral. Em um primeiro momento, será necessário conhecer os processos internos e fazer uma auditoria, a fim de que se possa realmente saber a quantas anda o conselho. Um dos pontos mais importantes do nosso plano de trabalho consiste na transparência em todos os atos, pois identificamos muitas falhas na comunicação da gestão atual, principalmente quanto à prestação de contas no site do conselho. Serão discutidas as seguintes ações: melhorar a relação dos profissionais com os órgãos públicos, aproximar a relação dos estudantes com o conselho e iniciar campanhas de valorização profissional.

Um dos pontos mais importantes do nosso plano de trabalho consiste na transparência em todos os atos, pois identificamos muitas falhas na comunicação da gestão atual

Nova diretoria CAU/SE

Arte Ambiente –A categoria agora tem uma tabela unificada de honorários. Quais os critérios para definir os valores? Diretoria CAU/SE –Esta tabela, que foi homologada no início deste ano pelo CAU/BR, foi fruto de um vasto trabalho empreendido pelo Colegiado das Entidades de Arquitetura e Urbanismo (CEAU), que compreende as cinco entidades que lutaram pela criação do CAU – IAB – Instituto dos Arquitetos do Brasil, ABEA – Associação Brasileira de Ensino de Arquitetura e Urbanismo, AsBEA – Associação Brasileira de Escritórios de Arquitetura e Urbanismo, ABAP – Associação Brasileira de Arquitetos Paisagistas e FNA – Federação Nacional de Arquitetura e Urbanismo. As entidades fizeram a tabela com a intenção de ter um documento que pudesse ser utilizado em todo o território nacional. Para tanto, foi previsto um método flexível que possibilita a adequação dos valores de projeto à realidade de cada local, dentre os critérios, podem ser destacados a complexidade do projeto, o tempo que levará para sua conclusão, o tamanho da equipe envolvida, entre outros. A lógica utilizada foi a de que, para se montar o preço de determinado trabalho, deve ser considerada a remuneração do salário mínimo profissional dos arquitetos e urbanistas envolvidos, a aplicação de todos os impostos cabíveis, a manutenção da estrutura do escritório e, claro, o lucro do profissional. Arte Ambiente – Qual o posicionamento do CAU/SE em relação ao recebimento de RTs? Isso é prejudicial aos consumidores?

Diretoria CAU/SE –O maior problema relacionado à prática da reserva técnica é a forma clandestina como ela vinha sendo praticada, pois não se divulgava publicamente a sua existência, levando, em alguns casos, a parecer que os arquitetos e urbanistas levavam os clientes a lojas com as quais mantinham este laço comercial, em detrimento da qualidade do projeto ou da melhor adequação de determinados materiais à realidade do cliente. Com o crescimento desta prática, além da série de premiações que, por vezes, passavam a impressão de se estar premiando os melhores projetos quando, na verdade, se premiavam os maiores vendedores, começaram a surgir muitos problemas, dentre os quais, o baixo valor cobrado por determinados projetos, na intenção de ser remunerado pelas RTs, o que, claramente, causa um sério desequilíbrio na profissão, além de causar constrangimentos a profissionais e clientes. Com a publicação do Código de Ética da Arquitetura e Urbanismo, em setembro de 2013, essas práticas passaram a ser consideradas antiéticas e podem levar o profissional a passar por um processo ético, que deve ser bem criterioso e instruído corretamente, a fim de evitar constrangimentos desnecessários. É importante que os arquitetos e urbanistas tenham convicção da importância de seu trabalho e passem a cobrar condignamente por ele.

Arte Ambiente –Qual o papel do CAU nas discussões em torno do que é espaço do arquiteto e do decorador? Diretoria CAU/SE –É importante se destacar que um profissional só pode ter atribuições referentes aos assuntos estudados na graduação. No caso do curso de Arquitetura e Urbanismo, falamos de um bacharelado de cinco anos; já quando falamos de Design de Interiores, este vem a ser um curso tecnológico ou sequencial de apenas dois anos. Fica difícil comparar o grau de aprofundamento em cursos com durações tão distintas. O curso de AU tem uma visão mais ampla, incluindo disciplinas da área tecnológica, o que habilita o Arquiteto e Urbanista a construir e reformar edifícios, uma vez que adquire conhecimentos da área de estruturas. Os profissionais de DI não têm disciplinas nesta área, então é simples entender que este profissional não poderá se responsabilizar por alterações estruturais nos ambientes em que estiver intervindo. Os Designers de Interiores têm formação para trabalhar com cores, móveis, lay-out, iluminação, dentre

26 | revista arteambiente

arteambiente 47.indb 26

09/12/2014 16:08:56


RAINERMARTINS

Projeto: Arquiteta Camila Siqueira - CAU A63126-4

Soluções em iluminação, projeto luminotécnico e automação residencial. Salvador Al. das Espatódias, 100 C. das Árvores - Tel.: (71) 3353-9773 luzelle@terra.com.br

arteambiente 47.indb 27

Aracaju Av. Francisco Porto, 493, Grageru - Tel: (79) 3217-6437 luzelle.aracaju@terra.com.br

09/12/2014 16:08:57


outras habilitações, contanto que não causem alterações físicas na estrutura dos imóveis nos quais estão trabalhando.

Os conselheiros do CAU/ SE Marcelo Maciel e Fernando Márcio com a presidente Ana Maria Farias

Arte Ambiente –Qual o papel do conselho nas discussões urbanísticas da cidade? Aracaju tem avançado nas questões relacionadas ao planejamento urbano? Diretoria CAU/SE –O conselho profissional tem a obrigação de zelar pelo bom exercício da profissão. Os Arquitetos e Urbanistas são os profissionais que mais interferem nas cidades. O espaço urbano é a área de trabalho do Arquiteto e Urbanista por natureza. Quando projetamos um prédio, ele se insere na malha urbana e passa a fazer parte dela. Desta forma, é fundamental que os Arquitetos e Urbanistas venham a ser protagonistas nestas discussões. Em nossa cidade, infelizmente, ainda não podemos afirmar que avançamos, pois há mais de vinte anos que se fechou o órgão que era responsável por planejar a expansão de Aracaju, o DEP e, desde então, não se fez mais concursos públicos para a contratação destes profissionais. Hoje, a prefeitura conta com poucos profissionais no quadro, pois muitos já se aposentaram e não foram substituídos. Recentemente a Câmara Municipal aprovou, da noite para o dia, uma lei que alterou partes importantes do nosso Código de Obras (que está anacrônico, pois é de 1966!), sem respeitar os trâmites disciplinados no Estatuto das Cidades. Outra situação dramática que passamos em Aracaju

é o processo lento de revisão do Plano Diretor de Desenvolvimento Urbano. O que está em vigor foi aprovado em 2000 e deveria ser revisto em 2005. O processo se iniciou, mas já estamos há quase dez anos com esta lei desatualizada. Ela é a lei mais importante quando se fala no planejamento de qualquer cidade. Não existe explicação plausível para uma demora tão grande.

Arte Ambiente –Como o CAU/SE avalia a zona de expansão de Aracaju? Há estrutura (projetos básicos de saneamento) na horizontalidade dos condomínios fechados de casas? Diretoria CAU/SE –Ainda temos vários terrenos desocupados em bairros como Atalaia, Coroa do Meio e nas imediações do Jardins. Também temos o centro da cidade e o São José que estão tendo sua atividade alterada, deixando de ser residenciais para serem bairros comerciais. Com isto, a infraestrutura já implantada deixa de ser utilizada em sua plenitude e o poder público passa a ser forçado a ampliar a malha de serviços de água, esgoto e energia elétrica para regiões ainda pouco habitadas. É importante se olhar para a Zona de Expansão com cuidado, pois lá temos muitas lagoas naturais que servem para a regulação do nível das águas. Quando chegamos ao período de chuvas, estas áreas já começaram a sofrer alagamentos devido ao aterramento de muitas dessas lagoas para a construção de moradia. É importante que a prefeitura trabalhe com a revalorização dos bairros mais centrais, trazendo mais moradias para estas regiões, pois aí, além da infraestrutura já pronta, também se reduz significativamente o deslocamento de pessoas dentro de nossa malha urbana.

Arte Ambiente –Que resumo e avaliação o CAU/ SE faz sobre o mercado de arquitetura em 2014?

Diretoria CAU/SE –Depois de anos de expansão, com o lançamento de inúmeros empreendimentos, neste ano pudemos notar que houve uma redução. Em todo o caso, vários imóveis foram entregues e, se levarmos em consideração que o trabalho do Arquiteto e Urbanista não se resume aos projetos de edificações, podemos notar que há uma variação cíclica nas atividades, estimulando, assim, que o profissional tenha uma atuação multidisciplinar. Para conseguir se estabelecer no mercado, é importante que o Arquiteto e Urbanista esteja sempre se reciclando e venha a ter conhecimento do que está sendo feito no mundo.

28 | revista arteambiente

arteambiente 47.indb 28

09/12/2014 16:09:01


arteambiente 47.indb 29

09/12/2014 16:09:02


A Celmar mais uma vez cumpre com maestria a execução desse projeto, onde todos os detalhes e acabamentos são de altíssima qualidade. O mobiliário em linhas retas, uma estante em laca, com iluminação com fita de led e espelho, o home também segue a mesma proposta, tonalidades claras tornando um ambiente tranquilo e acolhedor.

Ana Romélia Designer de Interiores e Light Designer

arteambiente 47.indb 30

09/12/2014 16:09:04


A D A I C O S S A

Av. Hermes Fontes, 1294

Tel.: (79) 3211-9152

www.celmarmoveis.com.br ana@celmararacaju.com.br

arteambiente 47.indb 31

09/12/2014 16:09:13


arteambiente 47.indb 32

09/12/2014 16:09:16


arteambiente 47.indb 33

09/12/2014 16:09:18


Notas

Coleção Arno & Rochedo por Adriana Barra A moda das passarelas definitivamente aterrissou nas cozinhas dos brasileiros. A fim de inaugurar um conceito, Arno e Rochedo, tradicionais marcas pertencentes ao Grupo SEB firmaram uma parceria com a estilista Adriana Barra que resultou em uma linha exclusiva de produtos. A coleção Arno & Rochedo por Adriana Barra é composta por cinco produtos: uma batedeira Elipse, um liquidificador Clic’Lav, uma máquina de café Dolce Gusto Piccolo, um ferro a vapor Ultragliss e um jogo de panelas Rochedo.

Feita sob medida Desenhada para sua esposa Renata, a cadeira Rê, criação do designer Fernando Mendes teve como grande desafio encontrar uma estrutura funcional, confortável, delicada e, mais importante que tudo, uma estrutura que fosse bela e feminina. Feita de freijó e couro, a peça ganhou um ar gracioso, com a inversão da posição do assento e encosto, jogando para a frente a borda que era originalmente para trás.

Inspirada no cinema A mesa lateral Girafa, do designer Bruno Faucz, nasceu da junção de duas ideias. O designer se inspirou na pequena luminária símbolo dos filmes da Pixar e no fato das mesas laterais na maioria das vezes estarem com um abajur em cima. Para trazer um design lúdico a peça que une mesa e luminária e é feita de madeira pinus e MDF, Bruno posicionou o cabo de energia ao longo do “pescoço da girafa.” www. brunofaucz.com

34 | revista arteambiente

arteambiente 47.indb 34

09/12/2014 16:09:19


PROMO STYLE

50% DE DESCONTO

arteambiente 47.indb 35

LIBERDADE É ESCOLHER A CONDIÇÃO

DE PAGAMENTO

QUE FAZ SEU

ESTILO!

06/12/2014 17:33:54


Notas

Presente para o natal Desenvolvido pela francesa L´atelier Du Vin, este rack para vinho, com capacidade para até 9 garrafas, possui design inteligente, podendo ser exposto na horizontal ou vertical, praticamente se adaptando em qualquer ambiente. Produto e marca exclusivo da Spicy, ele é excelente para presentear nas festas de final de ano. www.spicy.com.br

Módulus, a marca conceito Com mais de cinco anos de mercado, a Módulus Interiores Planejados dos empresários Cleide e Eduardo vem surpreendendo seus clientes através da entrega pontual e fino acabamento. Os mais de 18 anos de experiência dos gestores garantiram à marca especializada em móveis planejados, requinte e sofisticação. A Módulus Interiores Planejados fica localizada na Rua Permínio de Souza, 1081 A – Cirurgia (79)3211-5345 / 3041-6621 modulusinterioresplanejados@hotmail.com

Rapidez e Qualidade Oferecendo diversas opções, a Destak Serviços atende empresas, residências e condomínios nas áreas de locação de mão de obra, projetos paisagísticos e manutenção de área verde, lavagem e desinfecção de reservatórios de água potável e locais diversos, imunização e controle de pragas urbanas e limpeza de fossas sépticas, caixa de gordura e hidro-jateamento. Solicite um orçamento sem compromisso: (79) 3232-1381 e destak@destakservicos.com.br

36 | REVISTA ARTEAMBIENTE

arteambiente 47.indb 36

06/12/2014 17:34:02


Soft Sheer: Estilo e elegância, a escolha perfeita.

A v. A u g u s t o M a y n a r d , 3 3 8 | B a i r r o S ã o J o s é Aracaju - SE (79) 3214 6424

|

3211 2152

w w w. d e c o r a n d o s o b m e d i d a . c o m . b r

anuncio_sobmedida.indd 1 Notas ed 47.indd 37

criativapersianas.com.br facebook.com/criativapersianas

24/11/14 14:48 06/12/2014 17:40:19


Notas

Revisitando um clássico Inspirada num clássico do século 20, a espreguiçadeira Adirondack Michigan, da Butzke, ganhou versões nas cores verde, vermelha e azul. Você encontra nas madeiras nogueira ou jatobá. www.butzke.com.br

Decorando e economizando Fabricado em cerâmica legítima o cofre Porquinho Neon une o tradicional hábito de guardar suas economias num porquinho e o divertido design da Salt & Pepper. Decorado com estampa de listras não precisa ser quebrado para sua abertura devido à tampa de borracha existente abaixo do cofre, ou seja, seu cofre vai resistir por muito tempo! Para sua casa ou escritório, deixe seu ambiente mais divertido com o cofre de porquinho da Salt & Pepper.

Nichos Organizadores na Estilo Design Capazes de acondicionar muitos objetos utilizados nas tarefas diárias de forma compacta, agregam o toque lúdico do colorido. As peças mesclam as chapas coloridas com a sobriedade do cromo, produzidas em chapa de aço com acabamento em pintura epoxi de grande resistência. Agrupados em quatro diferentes módulos de 40 cm, que podem ser combinados conforme a necessidade de cada projeto. Contemplam escorredor de louças, porta temperos, porta rolo e talheres, e porta detergente e toalha. Um produto original e inovador que recebeu o Premio Design do Museu da Casa Brasileira. Venha conferir na Estilo Design: Rua Zaqueu Brandão, 798, São José. Tel: (79) 3259-9610 / (79) 9972-6877 / www. lojaestilodesign.com.br /contato@lojaestilodesign. com.br / www.facebook.com/LojaEstiloDesign

38 | REVISTA ARTEAMBIENTE

arteambiente 47.indb 38

06/12/2014 17:34:04


arteambiente 47.indb 39

06/12/2014 17:34:05


Arquitetando

Luiz Fernando energia, reduzindo o consumo dos recursos naturais. Como você visualiza a arquitetura no futuro? Vejo uma arquitetura mais sustentável, seguindo para uma arquitetura mais humana, priorizando as necessidades dos usuários, onde o profissional “arquiteto” seja indispensável para a organização dos espaços. Profissional que admira: Na arquitetura Ruy Ohtake, na ambientação Flávio Moura, e para os dois, Léo Romano. Arquitetura ou ambientação? Os dois estão alinhados. Existem projetos de arquitetura que se destacam por si só, mas só estão completos com uma boa ambientação, assim como uma ambientação depende de uma boa arquitetura. Livro indispensável para atuação: Saber ver a Arquitetura – Bruno Zevi e Arte de projetar em arquitetura – Ernest Neufert. Mudanças que gostaria de promover na arquitetura de Araca ju? Araca ju vive uma grande expansão imobiliária, surgindo muitos condomínios, principalmente de apartamentos, porém todos com estéticas e divisões similares. Precisamos dar mais identidade aos edifícios e opções de plantas mais dinâmicas, podendo ser adaptada para cada morador.

FILIPPE ARAUJO

Natural de: Lagarto -SE Formação profissional: Arquitetura e Urbanismo pela Universidade Tiradentes Algum projeto que considera cartão de visita? Para mim o cartão de visita é a satisfação do cliente, cada um com seu perfil e beleza. Onde busca inspiração? A partir do momento que converso com o cliente vou idealizando suas necessidades, seja ela em formas e cores buscada através da leitura de livros ou em revistas especializadas. Um projeto desafiador: Acredito que todos os projetos são desafiadores, por tentar representar o perfil e as limitações de cada cliente em seu projeto. Monumento da arquitetura mundial: Falling Water – Casa da cascata de Frank Lloyd Wright. Estilos e correntes da arquitetura com que mais se identifica: Arquitetura moderna, abarcando movimentos, tendências e técnicas contemporâneas. Sustentabilidade na arquitetura: Noto que a sustentabilidade já passou do ponto de ser levada mais a sério. Precisamos cada vez mais aplicar técnicas e materiais menos poluentes, formas renováveis de

A composição harmônica de tons e estampas com o mobiliário provençal transforma este quarto de bebê em uma atmosfera de aconchego e delicadeza

40 | REVISTA ARTEAMBIENTE

arteambiente 47.indb 40

06/12/2014 17:34:15


arteambiente 47.indb 41

06/12/2014 17:34:16


SISTEMA OFICIAL PARA ENVIDRAÇAMENTO DE SACADAS BLINDEX V I D R O S

I N T E L I G E N T E S

A TERRAÇO VIDROS INTELIGENTES traz o que há de mais moderno em matéria de envidraçamentos de sacadas. Atuando no mercado sergipano há quatro anos, a TERRAÇO oferece com exclusividade o sistema BLINDEX VIEW conciliando compromisso e qualidade.

arteambiente 47.indb 42

06/12/2014 17:34:20


Rua Zaqueu Brandão, 779 - São José - Aracaju/SE / Tel: (79) 3209-1790 / 9924-7744

www.terracoenvidracamentos.com.br

arteambiente 47.indb 43

06/12/2014 17:34:24


arteambiente 47.indb 44

Ana Mar ia

B runo Poderoso

B runo Santos

C laudenor

Edenilson

Edson

E leuso

E r i valdo

F lav ia

Franklin

G ilberto

G ilton

G ladson

H umberto

Jadilson

Januar io

Jeferson

Jer么nimo

Jo茫o Paulo

Joel

06/12/2014 17:34:47


A

Joilson

Jorge Feli x

JosĂŠ Edson

N ilson

N ilton

Rafael

R isonaldo

Rosevaldo

Thatianne

Wagner Feli x

S

S

O

C

I

A

D

A

Wagner V iei ra

Travessa D , 3 5 - D istr ito I ndustr ial de A raca j u Tel. : ( 7 9 ) 3 2 1 7 - 3 2 2 3 dimadei ra @ dimadei ra - se.com.br

arteambiente 47.indb 45

06/12/2014 17:35:02


Decorando

Jacqueline Oliveira Natural de: Araca ju-SE Formação profissional: Design de Interiores Algum projeto que considera cartão de visita? Todos. Do primeiro ao mais recente, tenho carinho por todos os projetos já executados. Cada um me traz um aprendizado e satisfação pessoal. É emocionante ver a felicidade do cliente com a execução do projeto e atender às suas expectativas. Boas ideias exigem noites em claro? O silêncio da noite é meu maior aliado, consigo interpretar melhor minhas ideias, o celular não toca, ninguém me tira a atenção, e, sendo assim, consigo ser bem produtiva. Quando cansada, prefiro não estender noites em claro, prefiro descansar e retornar minhas atividades na noite seguinte. Dois materiais imprescindíveis na sua criação? Madeira em tons neutros e tecido de linho. Um objeto ou móvel de design: Poltrona Mole, de Sérgio Rodrigues

Como reconhecer o bom design? Reconhecendo um projeto que exale tranquilidade e funcionalidade, sem exageros, sem objetos desnecessários pesando no ambiente, tirando seu aconchego e tornando o ambiente indesejável. Estilos e correntes no design de interiores com que mais se identifica: Me identifico com os traços retos do contemporâneo, que oferecem um charme ao ambiente, e complemento com o estilo moderno, associando praticidade e funcionalidade. Sustentabilidade no design é: O conceito da sustentabilidade no âmbito da decoração é usar materiais que o mercado já disponibiliza, como tecido elaborado com fios de bambu, persianas com tratamento solar, móveis com madeiras recicláveis e outros. Profissional que admira: Jóia Bergamo Livro indispensável para atuação: As Normas Técnicas Brasileiras (NBR) para cada projeto específico. E reciclo minhas ideias de criação via jando pelo Brasil e outros países, visitando Casa Cor e eventos relacionados. Como vê a decoração da casa no futuro? O acesso aos recursos de automação serão adquiridos por todos os clientes. Os layouts serão dispostos por móveis funcionais e práticos, como móveis dobráveis e portáteis, para atender a necessidade de espaços cada vez mais reduzidos.

46 | REVISTA ARTEAMBIENTE

Decorando ed 47 - Jacqueline Oliveira .indd 46

09/12/2014 16:04:33


arteambiente 47.indb 47

06/12/2014 17:35:04


Prático e Funcional

Agora ficou fácil descascar um abacaxi Com este excelente fatiador você pode criar anéis perfeitos de abacaxi sem o miolo. Basta cortar a parte superior da fruta, introduzir o fatiador, girar e pronto. O acessório ainda conta com um sinalizador que indica o final da fruta. Produzido em plástico de alta qualidade pela americana Oxo, pode ser encontro nas lojas Spicy. www.spicy.com.br

Seu churrasco na temperatura ideal O termômetro de leitura instantânea Weber é a melhor maneira para saber se o alimento grelhado esta sendo cozido na temperatura desejada ou a uma temperatura interna segura. Bastante preciso ele possui uma cabeça giratória que facilita a sua leitura em qualquer ângulo e desliga automaticamente em 15 minutos. Inclui uma capa protetora para armazenamento da sonda. www.churrasqueirasweber.com.br

Bolws da Cuisinart Este conjunto de bowls fabricado em plástico de alta qualidade livre de BPA (produto químico utilizado na fabricação de plásticos) da Cuisinart, são perfeitos para auxiliar no preparo de diversas receitas. Eles possuem alça soft grip e base antiderrapante para se manter estável durante a utilização. Ainda conta com bico inteligente que contribui para a retirada do alimento evitando desperdício e sujeira.

Design funcional Com estrutura produzida em vidro incolor de 12mm com interior em madeira laminada ou laca, a mesa lateral Dunas tem design funcional graças aos espaços entre as prateleiras. Pode também ser usada como criado mudo. Criação de Adriano Santos para Formanova.

arteambiente 47.indb 48

06/12/2014 17:35:05


arteambiente 47.indb 49

06/12/2014 17:35:06


Prático e Funcional

Fechadura inteligente Seguindo uma tendência mundial de identificação através da digital, a fechadura biométrica corporate Beluni é ideal para quem busca praticidade em sistemas de segurança, sem perder a qualidade. Com abertura por identificação de digital, senha e chave mecânica, é alimentada por bateria e possui estrutura de reforço que impede danos à fechadura. Outro diferencial é que as informações de impressão digital não serão perdidas quando a alimentação for interrompida ou as pilhas forem substituídas. www.madeiramadeira. com.br

Ele se estica todo Lavar a louça agora ficou mais divertido com o misturador T-Kapa da Tramontina Design Collection que possui ducha extensível de 55 cm e bica giratória com arejador. Feito de latão cromado e detalhes em quartzo Cristadur, pode ser encontrado nas cores Polaris ou Bronze. www.tramontinastore.com.

Aumentando o convívio entre as pessoas Primeiro e o único liquidificador a contar com a exclusiva tecnologia Serv-Fácil, um acessório que permite servir as bebidas diretamente no copo, com segurança, sem precisar tirar o recipiente da base, o liquidificador Arno Convívio introduz um novo conceito, o de estimular a convivência entre as pessoas, facilitando o dia-a-dia e deixando-o mais prazeroso e descontraído. Além do sistema Serv-Fácil, o liquidificador Convívio conta com mais dois acessórios: um filtro interno, que separa sementes e bagaço na preparação do suco, e um Mixstick, ideal para misturar os ingredientes, com o liquidificador ligado, de forma segura. www.arno.com.br

Proteção para o alimento Divertido e moderno este conjunto composto por três prendedores coloridos foram desenvolvidos em plástico de alta qualidade e são extremamente resistente e durável. Desenvolvidos pela Americana Oxo eles são ideais para manter o frescor e sabor dos alimentos por períodos mais longos em sua embalagem original. www.spicy.com.br

arteambiente 47.indb 50

06/12/2014 17:35:08


muito mais em um só lugar

A DNA gesso agrega valores aos meus projetos, deixando-os mais aconchegantes. E prestando um serviço de ótima qualidade, sempre com pontualidade e profissionalismo.

Alexandre Tavares Decorador

Av. Dr. Edézio Vieira de Melo,166 - São José | Aracaju-SE | Tel.: (79) 3241-5548 | dnagesso@hotmail.com

arteambiente 47.indb 51

09/12/2014 15:31:36


Meu projeto

Eleg창ncia com

personalidade

52 | revista arteambiente

arteambiente 47.indb 52

09/12/2014 15:31:38


A mistura de cores e texturas é a principal característica do apartamento situado na cidade de Araca ju e projetado pela arquiteta Lara Borges. Com a intenção de trazer conforto e sofisticação aos ambientes, foram utilizados acabamentos nobres, além de uma iluminação para proporcionar efeitos variados e valorizar os elementos mais interessantes do décor.

Living integrando a Sala de Jantar e Home Theater. O ambiente alia tons neutros, nobres acabamentos e uma excelente iluminação para torná-lo aconchegante e sofisticado

Martha Oliveira

dezembro 2014 / janeiro 2015 | 53

arteambiente 47.indb 53

09/12/2014 15:31:39


Quarto de bebê em azul e bege com detalhes românticos que trazem aconchego e calor ao ninho do bebê. Boiseries azuis desenhadas exclusivamente para esse projeto dão ao quarto sofisticação e leveza

Atingindo um ambiente elegante, clássico e formal, esse resultado foi alcançado com a utilização de textura bege com brilho e uma bancada com cuba esculpida em Silestone azul, tornando-se um casamento ideal, já que a textura dá um charme ao lavabo

Um dos maiores desafios neste ambiente, era aproveitar o espaço de apenas 3,50m2, otimizando o espaço do gabinete, dando mais conforto aos moradores. Foram utilizados armários com porta em vidro branco, menores que o tradicional, dando leveza, simetria e amplitude ao ambiente

54 | revista arteambiente

arteambiente 47.indb 54

09/12/2014 15:31:43


fotos Martha Oliveira

Seguindo os tons da suíte do casal, o sanitário revelase um espaço encantador. O revestimento em pastilha preta foi apenas colocado por cima da anterior assim como a textura em todo o banheiro

Filippe Araujo

A escolha dos tons preto e cinza transparece poder e personalidade no projeto da suíte do casal, criando um ambiente moderno. O gesso com iluminação indireta chama atenção para o painel em laca preta indicando a cama como ponto chave do quarto. As portas dos armários em espelho dão a sensação de amplitude ao ambiente

Lara Borges Arquiteta

cau A44790-0

Rua Ananias Azevedo, 159 - Alice Galeria, sala 12 - Bairro 13 de Julho - Araca ju/SE Tel.: (79) 3246-2902 / 9984-7773 arquitetalaraborges@yahoo.com.br arquitetalaraborges@gmail.com

dezembro 2014 / janeiro 2015 | 55

arteambiente 47.indb 55

09/12/2014 15:31:46


Tendências

Casas para

veranear

Que tal a Bahia para curtir o sol e a energia de uma casa na praia? Suas férias pedem encontros de bem-viver sempre xico diniz e rogério maranhão

C

om estilo marcado pela contemporaneidade, as arquitetas de Salvador, Simone Selem e Gizélia Souto, exibem uma casa de veraneio com a energia da Bahia, valorizando as linhas retas e o menor excesso de informação. É um daqueles projetos únicos que faz a rede balançar e querer ouvir

Caymmi nas primeiras horas do dia, cantando o mar e o que a baiana tem. “O processo de criação do projeto inicia na interpretação dos desejos do cliente até a tradução do seu modo de viver”, explicam Sinome e Gizélia. A plasticidade do mobiliário adquirido (Moro-

56 | revista arteambiente

arteambiente 47.indb 56

09/12/2014 15:31:51


so, Beb Italia,HD Casual) quebra qualquer sinal de monotonia nesse projeto de interiores de casa de praia, realizado no Condomínio Parque de Interlagos para um jovem baiano, que tem como moradia a cidade de São Paulo, e escolheu sua terra, claro, para passar os finais de semana e feriados. A casa é generosa na amplitude dos espaços e na maneira como cada ambiente convida a visita a percorrê-la. O lugar mais gostoso da construção é o terraço em deque suspenso, que prolonga o living para a área externa, com uma piscina azul sinuosa e espaço gourmet. Mesmo dentro de casa, a sensação é de estar em uma varanda. As arquitetas Simone Selem e Gizélia Souto afirmam que o cliente teve participação intensa

no processo de criação do projeto, e seu maior desejo era ter as referências da Bahia na casa. “Por conta disso trabalhamos uma cartela de cores extensa e a madeira no mobiliário e adornos. O projeto paisagístico de Gil Fialho foi um fator importante para que o cliente se sentisse numa atmosfera praiana”, destacam. A iluminação indireta nas áreas externas da proporcionou o aconchego. O piso cimentício de 80x80 da Castelato, instalado em toda a casa deu um ar despojado, sem falar no fator térmico característico. A paisagem natural da lagoa, projetando um spa para os momentos de relax, completa o cenário perfeito. A arte dos azulejos hidráulicos desenvolvidos pelo dono da casa é um encanto à parte. “Eles completam a beleza do gazebo gourmet, lavabo e hall circulação, dando um toque bem pessoal e artístico ao projeto”. Mas é dos quartos, com janela-balcão, que a vista vale mais que mil palavras. Ali, o céu é a extensão do mar de Yemanjá.

A lúdica poltrona Shadowy, de Tord Boontje, em harmonia com a paisagem litorânea

dezembro 2014 / janeiro 2015 | 57

arteambiente 47.indb 57

09/12/2014 15:32:00


Sala de estar, home e varanda integram-se e convidam os visitantes ao bom encontro com o aconchego

Projeto luminotĂŠcnico e paisagĂ­stico ressaltam ainda mais as belezas naturais em torno da casa

58 | revista arteambiente

arteambiente 47.indb 58

09/12/2014 15:32:10


arteambiente 47.indb 59

09/12/2014 15:32:12


Para curtir sempre

É importante investir em matériasprimas de alta durabilidade e de fácil manutenção, especialmente nas áreas expostas às intempéries Arquiteto

Wesley Lemos

Neste projeto assinado pelo arquiteto Wesley Lemos, a área externa da residência instalada em um terreno de 500 m² ganhou ambientes dedicados aos bons encontros e ao bem-viver. Objetos em madeira, cerâmica, fibras naturais e sintéticas conferem uma atmosfera natural chique aos ambientes. “Neste cenário, a arquitetura e o design devem primar pelo conforto e a praticidade. É importante investir em matérias-primas de alta durabilidade e de fácil manutenção, especialmente nas áreas expostas às intempéries”, ressalta o arquiteto. Ampla varanda, espaço gourmet, hidromassagem e uma agradável área de convivência compõem o cenário onde os tons terrosos e amadeirados prevalecem, fazendo um belo contraponto com as pinceladas verdes do paisagismo e de alguns objetos. Criando um ambiente mais intimista, a tradicional piscina cede espaço a uma acolhedora hidromassagem. Piso cerâmico da Portobello com aparência de madeira confere aconchego ao deck projetado pelo arquiteto. “Na área molhada, a cerâmica com aparência e textura de madeira proporciona segurança aos moradores, evitando escorregões, e prima pela fácil instalação e manutenção”, destaca Lemos.

A tradicional piscina cede espaço a uma acolhedora hidromassagem

O espaço gourmet dessa casa garante o relax da família a qualquer hora

60 | revista arteambiente

arteambiente 47.indb 60

09/12/2014 15:32:19


ESCRITĂ“RIOS COM VIDA

Av. Edesio de Mello, 1316 - Bairro Suissa - Aracaju/SE | (79) 3246-2263 | rosefonseca.se@infonet.com.br

arteambiente 47.indb 61

09/12/2014 15:32:27


Ambiente Particular

Sem excessos e muito estilo, a casa da família Mitidieri combina elegância e aconchego nas áreas de maior convivência e lazer

Fluência em

bem viver Roberta nascimento

ivve rodrigues

62 | revista arteambiente

arteambiente 47.indb 62

09/12/2014 15:32:29


Fachada em vidro, esquadrias em PVC, revestimentos e texturas criam a volumetria marcante

N

esta casa, o requinte parece ser uma consequência natural do que é simples e a beleza, uma extensão da funcionalidade. O lar dos Mitidieri mostra que a história de família, com 28 anos vivendo no mesmo lugar, são suficientes para transformar cômodos em espaços lúdicos que, antes de qualquer coisa, estão a serviço da vivência de cada momento. No interior da residência, o amplo living destaca-se pela estética clean e o conforto. A iluminação bem planejada ressalta a beleza e a sofisticação do mobiliário assinado e de um poderoso acervo de obras de arte – presenças marcantes nesta residência que é um belo exemplar da arquitetura contemporânea de Sergipe.

A arquitetura visa liberar o solo para o uso coletivo. Em suma, é um lugar que mostra, nos detalhes, o amor e a união dos moradores, registrado nos porta-retratos e objetos de grande valor afetivo como a Nossa Senhora da Conceição, herança de família do início do século 20, recostada na bancada. A decoração conjuga harmonia com uma certa elegância distinta. O pé direito duplo ajuda a transmitir a essência do espaço, o conforto da luminosidade natural, mas é do lado de fora que a casa mostra sua energia. O verde acalenta o olhar, e a brisa do mar convida os moradores a viverem a dinâmica dos encontros em família. A filha mais nova de Vaneide e Jorge

dezembro 2014 / janeiro 2015 | 63

arteambiente 47.indb 63

09/12/2014 15:32:32


Estética para todos

Living e a sala de jantar conjugam elegância e harmonia

Vivo aqui desde que nasci. São 23 anos em um lugar que reúne todas as minhas referências, recordações de infância e grandes momentos em família. Nosso lar é muito representativo no afeto, trabalho e amor que meus pais construíram. Toda a família é muito apegada a essa casa. Gabrielle Mitidieri

Mitidieri, Gabrielle, estudante de arquitetura e empresária, é quem nos conta um pouco da relação que tem com o seu lar. “Vivo aqui desde que nasci. São 23 anos em um lugar que reúne todas as minhas referências, recordações de infância e grandes momentos em família. Nosso lar é muito representativo no afeto, trabalho e amor que meus pais construíram. Toda a família é muito apegada a essa casa. Já pensamos em nos mudar para um apartamento, mas minha mãe sempre resistiu. Pesamos as reuniões em família, o espaço amplo. E ela dizia: e quando os netos chegarem, as áreas de lazer para brincar? Então descartamos a possibilidade de nos mudar e daí surgiu a ideia de reformá-la”, explica Gabi. Os projetos arquitetônico e de interiores foram assinados pelo arquiteto Wesley Lemos. Desde o início, a meta do projeto era criar uma estética para todos os integrantes da família, valorizando as áreas sociais já que eles adoram reunir as pessoas queridas para celebrar a vida com charme, aconchego e bom gosto. O resultado foi muito pontual. A área externa, o terraço com espaço gourmet, são um verdadeiro convite para se curtir um fim de tarde com os amigos. Um mix de matérias-primas conferiu identidade à residência.

A cozinha gourmet integra uma grande mesa para reunir a família

“Meu pai é engenheiro, então adora uma obra. Sempre arranja algo para mexer na casa. Toda família, particularmente, se envolveu com esta reforma e a decoração porque se tratava de uma grande mudança. Somos em quatro irmãos: Fernandino, o mais velho, Jorge, Juliana e eu, e cada um pensou num projeto que pudesse usar bastante. Adoro a sala de estar porque é bem confortável, é climatizada, assistimos aos filmes, fazemos o esquenta para as festas, mas cada canto da casa tem suas particularidades”, destaca Gabrielle. Hoje, a jovem empresária comada junto com a sua irmã, Juliana, duas lojas de no segmento de moda feminina. “Desde nova sempre gostei muito de moda, arquitetura, decoração, e quando fiz o curso de intercâmbio em Londres, acabei fazendo um curso relâmpago de moda e voltei cheia de ideias. Pensei, de fato, estudar moda numa universidade, mas teria que morar fora, então optei por arquitetura, outra paixão, que também tem a ver com esse universo de criação”, conta. As energias conspiram a favor quando a determinação por algo é evidente. O envolvimento de Gabrielle com a moda, inclusive na inspiração para viver, surtiu boas oportunidades de enveredar pelos negócios com todo o apoio dos pais, empreendedores de sucesso. “A primeira loja que abri junto com minha irmã foi a Schutz, há dois anos, e tem dado super certo. É um mercado em ascensão, é uma marca referência que investe marketing, em várias ações, as pessoas desejam. Avaliando o crescimento do setor, pensamos na criação da Mit Store, que leva o nome da família, é uma loja multimarca com grifes renomadas e peças assinadas por grandes estilistas de São Paulo e Rio, como a Daslu, Lilly Sarti, Mariana Penteado, Lool, Nk, Adriana Degreas, NV, Paula Raia, Triya, Pop Up Store. No futuro, se tudo der certo, pensamos em desenvolver peças com a nossa marca”, revela Gabrielle Mitidieri.

Espaço de lazer com aconchego na área externa da casa

64 | revista arteambiente

arteambiente 47.indb 64

09/12/2014 15:32:38


arteambiente 47.indb 65

09/12/2014 15:32:39


Internacional

A mais europeia das capitais sulamericanas Buenos Aires ainda encanta muitos visitantes, principalmente brasileiros

C

apital e maior cidade da Argentina, Buenos Aires foi fundada pela primeira vez em 3 de fevereiro de 1536 por Pedro de Mendoza, com o nome de Nuestra Señora del Buen Ayre. Em seguida foi abandonada, arrasada pelos índios e refunda-

da em 11 de junho de 1580 por Juan de Garay com o nome de Ciudad de la Santísima Trinidad y Puerto de Nuestra Señora del Buen Ayre. Segunda maior área metropolitana da América do Sul, depois da Grande São Paulo, Buenos

66 | revista arteambiente

Internacional - ed 47.indd 66

Jonathan Hillyer

09/12/2014 15:59:55


Casa Rosada, atual sede do Poder Executivo da Argentina, onde, antigamente, se encontrava o Forte

Aires está localizada na costa ocidental do estuário do Rio da Prata, na costa sudeste do continente. Considerada um dos mais importantes destinos turísticos do mundo, a capital argentina é conhecida por sua arquitetura de estilo europeu e por sua rica vida cultural, com a maior concentração de teatros do mundo, por isso é comumente considerada a mais europeia das capitais sul-americanas. A cidade conta com o Aeroporto Internacio-

nal de Ezeiza (situado a 35 quilômetros da cidade) e com um aeroporto regional, o Aeroparque Jorge Newbery. É servida pelo terminal rodoviário de Retiro, de onde partem e chegam linhas de ônibus para todas as regiões do país e para cidades do Chile, Peru, Bolívia, Paraguai, Uruguai e Brasil. Conta ainda com ferry-boats que a conectam com as cidades de Colônia do Sacramento e Montevidéu, no vizinho Uruguai. Buenos Aires começou a se construir ao redor da Praça Maior, hoje Plaza de Mayo (Praça

A área central possui um intenso fluxo de veículos. Ao fundo, podemos observar o monumento histórico erguido em comemoração ao quarto centenário da fundação da cidade, o Obelisco

dezembro 2014 / janeiro 2015 | 67

arteambiente 47.indb 67

09/12/2014 11:56:57


Catedral Metropolitana

Cemitério de la Recoleta

de Maio), onde as instituições administrativas da Colônia estavam instaladas. Lá podemos observar a Casa Rosada, atual sede do Poder Executivo da Argentina, onde, antigamente, se encontrava o forte, a Catedral Metropolitana, que ocupa o mesmo lugar desde os tempos coloniais, e o edifício do Banco de la Nación Argentina. Outra

importante instituição colonial, o Cabildo, já não se conserva em sua forma original já que parte de sua estrutura foi demolida para a abertura da Avenida de Maio e a diagonal Júlio A. Roca. Podemos ainda observar o edifício do antigo Congresso da Nação, onde atualmente funciona a Academia Nacional da História e por último a Chefatura de Governo da Cidade, avançando até a Avenida de Maio. Já sua arquitetura contemporânea tem excelentes representantes em obras como o magnífico Teatro San Martín da Avenida Corrientes, ou o edifício Los Eucaliptos e o Somisa no bairro de Belgrano. Também existem construções que tornaram o concreto armado em verdadeiras obras de arte, como as experiências do arquiteto Clorindo Testa do ex Banco de Londres, a Biblioteca Nacional e o Museu Xul Solar. Além disso, existem esplêndidas torres de apartamentos: o Edifício República da Praça Roma, o edifício Conurban e a Torre YPF, em Puerto Madero. No bairro de Recoleta encontra-se uma gran-

68 | revista arteambiente

arteambiente 47.indb 68

09/12/2014 11:57:00


arteambiente 47.indb 69

09/12/2014 11:57:03


de quantidade de pontos turísticos de grande valor cultural. Ali, se pode encontrar a sede principal do Museu Nacional de Belas Artes, a Biblioteca Nacional, o Centro Cultural Recoleta, a Faculdade de Direito da Universidade de Buenos Aires, a Basílica Nossa Senhora de Pilar, o Palais de Glace, o Bar La Biela e o Cemitério da Recoleta, onde se encontram alojados os restos de Eva Duarte de Perón. Outro local de grande apelo turístico é o Porto Madero, bairro nobre da cidade e proclamado com um dos projetos de revitalização urbana mais bem sucedidos do mundo, feito em menos de duas décadas, que o transformou em um dos bairros mais modernos da cidade. Nele abrigamse alguns dos maiores arranha céus argentinos, além de diversos monumentos, como a Puente de la Mujer (Ponte das Mulheres), do arquiteto espanhol Santiago Calatrava e a Fragata Presidente Sarmiento, o primeiro navio da Argentina que atualmente é utilizado como museu. Tam-

DICAS Visto O brasileiro pode visitar a Argentina por até 90 dias sem visto. Basta apresentar o passaporte ou identidade na chegada.

Moeda A moeda local é o Peso, mais tanto o dólar americano como o real circulam livremente.

Cassinos

bém é considerado um importante centro financeiro e gastronômico da capital. Buenos Aires ainda oferece os concorridos shows de tango e suas luxuosas casas que atraem diariamente um número bastante considerável de turistas.

Festa para o paladar Buenos Aires é uma festa para o paladar. Na variedade dos cardápios internacionais e sofisticação dos restaurantes, concorre com capitais latinas como São Paulo e Rio de Janeiro. É normal encontrar na conta um taxa de “cubiertos”, referente aos talheres e guardanapos oferecidos durante a refeição. Mas não se engane este valor não é equivalente a nossa taxa de serviço. Lá os restaurantes não cobram os 10% costumeiros aqui no Brasil, porém é comum deixá-los por conta própria, como caixinha para os garçons. As carnes estão entre as especialidades locais. Vale experimentar bife de chorizo, quase sempre servido com papas (batatas fritas), parilla, prato tradicional que reúne pedaços de carne assados sobre carvão ou pedaços de madeira, e choripan, linguiça servida no pão. Também há bons restaurantes de comida espanhola, com peixes e frutos do mar apetitosos. Destaque para o Alfajores, doces típicos da Argentina.

Sua arquitetura contemporânea tem excelentes representantes em obras

Banco Hipotecário Nacional, ex Banco de Londres, fruto de um concurso restrito convocado em 1959. Projeto do arquiteto e artista italiano naturalizado argentino Clorindo Testa

O jogo é liberado em Buenos Aires apenas em maquinas eletrônicas, mais existe o Casino Puerto Madero que, por ser dentro de um navio e estar localizado no mar, oferece também mesas de jogos e roleta.

Compras Buenos Aires possui vários shoppings centers, os principais, Alto Palermo Shopping, Abasto Shopping, Galeria Pacífico Shopping e Patio Bullrich possuem dezenas de lojas que oferecem produtos de grifes. Há ainda a famosa Rua Florida, onde não passam veículos e que tem muita variedade de produtos com diferentes qualidades e preços.

Shows de Tango Berço da dança, Buenos Aires oferece uma infinidade de casas de espetáculo de Tango como Senhor Tango, Madero Tango, Esquina Carlos Gardel e Tango Porteño.

70 | REVISTA ARTEAMBIENTE

Internacional - ed 47.indd 70

09/12/2014 15:41:22


arteambiente 47.indb 71

09/12/2014 11:57:07


Perfil Empresarial

ATM Viagens Uma década de sucesso e grandes viagens Uma grande viagem pode mudar horizontes, realizar sonhos e construir empresas. Sob uma base sólida, trabalhando pela conquista diária de clientes e atuando com profissionalismo no mercado altamente competitivo das agências de turismo, a ATM Viagens fez a sua marca tornar-se um referencial em Sergipe. Hoje, além de uma loja matriz confortável em Aracaju, tem mais duas filiais atuantes em Lagarto e Itabaiana, e quer voar mais longe. Nesta entrevista, você confere o que pensa o empresário diretor da ATM Viagens, Alexsandre Teles Machado.

Alexsandre Teles: “Nossa relação com os

clientes é excepcional” A ATM Viagens irá completar 10 anos de atuação no mercado. Qual a importância dessa marca para quem atua num setor altamente concorrido que é o de pacotes de viagens? A comercialização de pacotes de viagens, passagens aéreas e outros serviços de turismo por parte das agências de viagens com lojas físicas ou virtuais envolve realmente um mercado bastante competitivo, porém, a competição hoje em dia faz parte da rotina de todas as empresas em todos os segmentos. A marca da ATM Viagens tornou-se importante e referência, sobretudo, no que se refere ao atendimento personalizado; esse é nosso maior diferencial. A empresa cresceu exponencialmente, mas manteve o atendimento adaptado a cada cliente, com toda a personalização que se faz necessária. A marca também é referência no segmento de viagens de Alto Padrão. Como foi a evolução da empresa e quais foram as

principais operações que deram impulso ao crescimento da ATM Viagens? A empresa foi inaugurada no dia 25 de janeiro de 2005; funcionávamos sem muita visibilidade em uma loja no fundo de uma Galeria na Av. Augusto Maynard. Foi através do marketing boca-a-boca que conquistamos nossos primeiros e fiéis clientes, já que, apesar de ser uma loja bastante confortável, não tínhamos visibilidade. Os primeiros dois anos foram muito difíceis, assim como para qualquer pequena ou média empresa no Brasil. Em 2007, inquietos que sempre fomos mudamos para o endereço atual da nossa matriz, continuamos incrementando serviços, aperfeiçoando métodos de trabalho, capacitando-nos e investindo em tecnologias. Os desafios sempre foram vários, mas nunca deixamos de apostar no modelo de negócio. 2010 foi um ano-chave para a ATM, pois dava-se início ao nosso projeto de expansão do número de lojas

e abrimos a nossa primeira filial, na cidade de Lagarto. Dois anos após, em 2012, já inaugurávamos a nossa segunda filial, na cidade de Itabaiana. A partir de agora os maiores objetivos são fortalecer a marca ainda mais, aperfeiçoarmos os métodos de trabalho e continuar expandindo. Quais as principais dificuldades e avanços que o setor de turismo enfrenta, hoje? No segmento de agência de viagens, no qual atuamos, as principais dificuldades são a concorrência irresponsável de empresas que não são sérias e que se utilizam da prática de descontos fora do padrão de mercado, e que, na verdade, é o “barato sai caro”; a legislação brasileira do setor, pois é inadmissível uma agência de viagens ser responsabilizada legalmente solidariamente por um voo que atrasou, uma televisão no quarto do hotel que não funcionou e situações outras diversas. Não encaro as agências virtuais como concor-

72 | revista arteambiente

Perfil Empresarial - ed 47.indd 72

09/12/2014 15:42:59


rentes, pois, caberá ao cliente definir se ele quer somente preço ou preço atrelado a bons serviços e assistência; sem contar que na ATM Viagens, na grande maioria dos casos, consegue tarifas mais baixas que a internet e o cliente ganha a assistência personalizada durante todo o processo e negociação. Como avanços posso citar o fortalecimento da Classe C, a maior abrangência da utilização do transporte aéreo, as facilidades de pagamento para viagens tanto nacionais quanto internacionais e o próprio aspecto sociológico do turismo, em que o brasileiro entende que viajar faz bem à alma, é qualidade de vida. Quais são as principais linhas de negócios e operações da ATM Viagens? A ATM faz-se forte na praça da loja matriz no segmento de alto padrão; foi aí que ganhamos notoriedade e nos diferenciamos das demais. Nas nossas filiais, as operações estão fortalecidas no segmento de resorts, pois possuímos os melhores preços. Além de operarmos todos os serviços de uma agência de viagens completa. Como a empresa está estruturada dentro do mercado? Estamos consolidados como uma das maiores empresas de turismo do setor e uma das líderes do segmento de lazer. O que distingue a ATM Viagens num universo tão amplo e competitivo como o de turismo? Os diferenciais da ATM Viagens sempre estiveram muito claros e definidos: a personalização do atendimento, o cuidado com os mínimos detalhes, o preço justo, com a melhor relação custo-benefício e a forte parceria com os maiores fornecedores do país e fora dele. Sem falar que possuímos lojas instaladas nos 03 maiores municípios de Sergipe: Aracaju, Lagarto e Itabaiana.

formado, através da pesquisa na internet, dos lugares que irá visitar no destino, restaurantes, dicas úteis, dentre outras informações; isso ajuda ao agente de viagens a proporcionar uma qualidade da viagem maior ainda; e é um desafio também, pois faz com que os consultores de viagens, os quais ficam no front office estudem mais e se aperfeiçoem cada vez mais. A compra com antecedência também já é uma das características em muitos casos. Como funciona a relação com os clientes e empresas que prestam serviços como hotéis e companhias aéreas? Nossa relação com clientes é excepcional. É claro que, mediante nosso volume de vendas, intercorrências podem acontecer, mesmo porque estamos lidando com vários serviços de terceiros; porém, temos em pleno funcionamento um serviço de pós-venda para avaliar todos os serviços prestados durante a viagem, dar resoluções em caso de intercorrências e buscar tais resoluções com fornecedores que causaram alguma má prestação de serviço. Tudo visando à satisfação do cliente. Já a relação com nossos fornecedores é bastante sólida e profissional. Quais as tendências de mercado para as viagens em 2015? No que a ATM irá apostar? Teremos vários feriados prolongados em 2015 e isso vai potencializar bastante a venda de pacotes. Apostaremos mais ainda nos resorts do nordeste, especialmente na Linha Verde, Serra Gaúcha, teremos grupos de compras em New York, Orlando e Miami, iremos operar com maior ênfase

circuitos pela Europa com qualidade e ótima relação custo-benefício, e também iremos apostar com uma atenção maior nos pacotes para América do Sul, sobretudo Chile e Uruguai, que estão em evidência. Quais as ações que a ATM Viagens irá desenvolver para comemorar o seu 10º aniversário? Já concretizamos uma série de ações: reformulamos nossa logomarca, reestruturamos o nosso site, alteramos layouts de todos os nossos impressos e firmamos parcerias com outros grandes fornecedores. Para 2015, além dos inúmeros pacotes que iremos operar, temos como meta a reorganização das nossas rotinas diárias, a fim de que clientes externos e internos sintam-se cada vez melhor. Realizaremos uma reforma na loja matriz, tornando-a mais atualizada e sofisticada, além de várias outras ações que estão sendo planejadas.

Av. Gonçalo Prado Rollemberg, 497 Loja 02 - Kana Kayana Center - São José Tel: (79) 3222-0804 / 9971-2450 Araca ju / Sergipe Filial (Lagarto) Av. Zacarias Júnior, 407 - Centro Tel: (79) 3631-9782 / 9864-1356 Lagarto / Sergipe Filial (Itabaina) Rua 7 de Setembro, 425 - Centro Tel: (79) 3431-0067 / 9912-1246 Itabaiana / Sergipe

Nesses 10 anos de atuação houve mudança no perfil do consumidor brasileiro? Hoje viajamos mais e melhor? Sim. O perfil do consumidor brasileiro foi mudando gradativamente e isto é bom. O cliente hoje em dia, em sua grande maioria, compra o pacote de viagem já in-

OUTUBRO/NOVEMBRO | 73

Perfil Empresarial - ed 47.indd 73

09/12/2014 15:43:02


Objeto de Desejo

Luminária Pirulito

Luxo para organizar Estante Golden Cage, de latão, 1,20 x 2 x 0,80 m, design Vincenzo De Cotiis, da Ceccotti Collezioni, na Casual Interiores, preço sob consulta

Luminária de parede Pirulito criada pela dupla Leonardo Lattavo e Pedro Moog, da Lattoog. A peça faz parte da coleção Origo, em homenagem aos traços do Sul do país, fabricada pela Schuster. Além da Lattoog, mais 16 estúdios de design participam com criações inovadoras e bem bacanas.

Para inspirar a varanda A poltrona Tropicalia, da design Patricia Urquiola para Moroso, na LZ Studio. Os fios de plástico coloridos e trançados se assemelham aos das cadeiras feitas por artesãos brasileiros. Com base de aço inox, é ideal para áreas externas, inclusive em dia de chuva. É muito leve e versátil, e pode ser levada da varanda para a piscina ou para o jardim.

Tom Dixon Eclectic O designer nascido na Tunísia e criado no Reino Unido, Tom Dixon, idolatrado por grandes personalidades da moda como Jean Paul Gaultier, Ralph Lauren e Vivienne Westwood, lançou este ano a linha Eclectic para a casa. São acessórios luxuosos cheio de personalidade para decorar a casa.

Easy de Jader Almeida Banqueta Easy (2014), de latão e madeira maciça, 38 x 73 x 30 cm, design Jader Almeida para Sollos, na Arquivo Contemporâneo, R$ 5.700 74 | REVISTA ARTEAMBIENTE

arteambiente 47.indb 74

09/12/2014 11:57:10


arteambiente 47.indb 75

09/12/2014 11:57:12


ANUÁRIO ARTEAMBIENTE 2014

APRESENTAÇÃO

A grande festa do

M

6º Anuário ArteAmbiente uito glamour e prestígio marcaram a tradicional festa de lançamento Anuário ArteAmbiente de Arquitetura e Decoração de Sergipe, que chega à 6ª edição ainda mais consolidada. O evento grandioso aconteceu no dia 27 de novembro e reuniu profissionais de arquitetura e decoração, além de empresários, que comemoraram seus projetos no Villa Antonella, ao som da banda Yow e Dj Cafu. Dos mais novos aos mais renomados, todos os que figuram nas preciosas páginas do Anuário, deixaram evidente o orgulho de mostrar seu trabalho numa vitrine reconhecida pela sociedade. Para os diretores da ArteAmbiente, Jonatal Souza e Leonardo Mittaraquis, o anuário é um divisor de águas na história da arquitetura e decoração de Sergipe, mudando a visão do setor e, sem sombra de dúvida, orquestrando o crescimento do mercado. “Hoje, tanto os profissionais se esmeram cada vez mais na realização de seus projetos, como os empreendedores estão mais enga jados em suas parcerias”, aponta Leonardo Mittaraquis. A entrega do Prêmio ArteAmbiente, momento imperdível do evento, este ano comprovou seu alto nível pela participação de julgadores de renome nacional como os arquitetos Zezinho e Turíbio, de Pernambuco, Osvaldo Tenório, de Alagoas, Sidney Quintela e a designer de interiores Cátia Bacellar, ambos da Bahia. “Nos preocupamos com a isenção e qualidade do prêmio. É uma grande honra ter profissionais de destaque como eles reconhecendo nosso trabalho e enaltecendo a arquitetura sergipana. O prêmio também promove o crescimento do mercado”, ressalta Jonatal Souza. Como nos anos anteriores, o mega evento para cerca de 800 convidados teve a assinatura da Mauad Consultoria e Eventos. A cor do anuário, sempre motivo de grande curiosidade do público, foi um tom de verde claro para celebrar o ano de 2015, refletindo sentimentos otimistas em relação ao futuro. A escolha foi definida com base nas tendências e também no contraponto com as cores fortes e radiantes dos anuários anteriores - berinjela, azul turquesa, laranja, rosa e preto.

76 | REVISTA ARTEAMBIENTE

arteambiente 47.indb 76

09/12/2014 11:57:14


L I STA D O S G A N HA D O R E S D O 3 º P R Ê M IO A RT E A M B I E N T E DE A RQU I T E T U R A E DE C OR AÇ ÃO 2 0 1 4

EMPRESAS

PROFISSIONAIS

Categoria - Butiques de Construção Casa VIP

Ambientação Comercial Arquitetos Aramari Tude e Franklin Moreira

Categoria - Comunicação Visual e Externa GW Soluções em Comunicação Visual

Ambientação Residencial Arquitetos Antônio Félix e Moisés Félix

Categoria - Cortinas, Persianas e Acessorios Espaço Sob Medida

Mostras e Vitrines Arquiteto Gilvan Acciolli

Categoria - Envidraçamento de áreas Reiki

Arquitetura Comercial Arquiteta Lilia Duarte

Categoria - Esquadrias em Geral Carvalho Design & Interior

Arquitetura Residencial Arquitetos Antônio Félix e Moisés Félix

Categoria - Gesso DNA Gesso Categoria - Iluminação Lúmina Categoria - Mármores e Granitos Marmoraria Sergipe Categoria - Material de Construção em Geral Pisolar Categoria - Móveis e Estofados Sierra Novo Tok Categoria - Móveis Planejados Evviva Bertolini Categoria - Móveis Sob Medida Dimadeira Categoria - Objetos de Decoração Detalhes Objetos

TROFÉU ARTEAMBIENTE BY WILLY VALENZUELA

Categoria - Soluções Corporativas Artline Mobiliário Corporativo Categoria - Vidros Vinnus Design

DEZEMBRO 2014 / JANEIRO 2015 | 77

arteambiente 47.indb 77

09/12/2014 11:57:22


PRÊMIO ARTEAMBIENTE 2014

V E N C E D O R D A C A T E G O R I A

BOUTIQUE DE CONSTRUÇÃO

CASA VIP

Premio ArteAmbiente - EMPRESAS e PROFISSIONAIS.indd 78

09/12/2014 11:52:44


DEZEMBRO 2014 / JANEIRO 2015 | 79

Premio ArteAmbiente - EMPRESAS e PROFISSIONAIS.indd 79

09/12/2014 11:52:51


PRÊMIO ARTEAMBIENTE 2014

V E N C E D O R D A C A T E G O R I A

COMUNICAÇÃO VISUAL E EXTERNA

GW SOLUÇÕES EM COMUNICAÇÃO VISUAL 80 | arteambiente | novembro/dezembro 2012

Premio ArteAmbiente - EMPRESAS e PROFISSIONAIS.indd 80

09/12/2014 11:52:56


DEZEMBRO 2014 / JANEIRO 2015 | 81

Premio ArteAmbiente - EMPRESAS e PROFISSIONAIS.indd 81

09/12/2014 11:52:59


PRÊMIO ARTEAMBIENTE 2014

V E N C E D O R D A C A T E G O R I A

CORTINAS, PERSIANAS E ACESSÓRIOS

ESPAÇO SOB MEDIDA DECORAÇÃO 82 | arteambiente | novembro/dezembro 2012

Premio ArteAmbiente - EMPRESAS e PROFISSIONAIS.indd 82

09/12/2014 11:53:06


DEZEMBRO 2014 / JANEIRO 2015 | 83

Premio ArteAmbiente - EMPRESAS e PROFISSIONAIS.indd 83

06/12/2014 18:06:37


PRÊMIO ARTEAMBIENTE 2014

V E N C E D O R D A C A T E G O R I A

ENVIDRAÇAMENTO DE ÁREAS

REIKI

84 | arteambiente | novembro/dezembro 2012

Premio ArteAmbiente - EMPRESAS e PROFISSIONAIS.indd 84

06/12/2014 18:06:44


DEZEMBRO 2014 / JANEIRO 2015 | 85

Premio ArteAmbiente - EMPRESAS e PROFISSIONAIS.indd 85

06/12/2014 18:07:00


PRÊMIO ARTEAMBIENTE 2014

V E N C E D O R D A C A T E G O R I A

ESQUADRIAS EM GERAL

CARVALHO DESIGN & INTERIOR 86 | arteambiente | novembro/dezembro 2012

Premio ArteAmbiente - EMPRESAS e PROFISSIONAIS.indd 86

06/12/2014 18:07:05


DEZEMBRO 2014 / JANEIRO 2015 | 87

Premio ArteAmbiente - EMPRESAS e PROFISSIONAIS.indd 87

06/12/2014 18:07:18


PRÊMIO ARTEAMBIENTE 2014

V E N C E D O R D A C A T E G O R I A

GESSO

DNA GESSO

88 | arteambiente | novembro/dezembro 2012

Premio ArteAmbiente - EMPRESAS e PROFISSIONAIS.indd 88

06/12/2014 18:07:25


DEZEMBRO 2014 / JANEIRO 2015 | 89

Premio ArteAmbiente - EMPRESAS e PROFISSIONAIS.indd 89

06/12/2014 18:07:39


PRÊMIO ARTEAMBIENTE 2014

V E N C E D O R D A C A T E G O R I A

ILUMINAÇÃO

LÚMINA

90 | arteambiente | novembro/dezembro 2012

Premio ArteAmbiente - EMPRESAS e PROFISSIONAIS.indd 90

06/12/2014 18:07:45


DEZEMBRO 2014 / JANEIRO 2015 | 91

Premio ArteAmbiente - EMPRESAS e PROFISSIONAIS.indd 91

06/12/2014 18:07:53


PRÊMIO ARTEAMBIENTE 2014

V E N C E D O R D A C A T E G O R I A

MÁRMORES E GRANITOS

MARMORARIA SERGIPE 92 | arteambiente | novembro/dezembro 2012

Premio ArteAmbiente - EMPRESAS e PROFISSIONAIS.indd 92

06/12/2014 18:08:00


DEZEMBRO 2014 / JANEIRO 2015 | 93

Premio ArteAmbiente - EMPRESAS e PROFISSIONAIS.indd 93

06/12/2014 18:08:08


PRÊMIO ARTEAMBIENTE 2014

V E N C E D O R D A C A T E G O R I A

MATERIAL DE CONSTRUÇÃO EM GERAL

PISOLAR

94 | arteambiente | novembro/dezembro 2012

Premio ArteAmbiente - EMPRESAS e PROFISSIONAIS.indd 94

06/12/2014 18:08:15


DEZEMBRO 2014 / JANEIRO 2015 | 95

Premio ArteAmbiente - EMPRESAS e PROFISSIONAIS.indd 95

06/12/2014 18:08:19


PRÊMIO ARTEAMBIENTE 2014

V E N C E D O R D A C A T E G O R I A

MÓVEIS E ESTOFADOS

SIERRA NOVOTOK

96 | arteambiente | novembro/dezembro 2012

Premio ArteAmbiente - EMPRESAS e PROFISSIONAIS.indd 96

06/12/2014 18:08:25


DEZEMBRO 2014 / JANEIRO 2015 | 97

Premio ArteAmbiente - EMPRESAS e PROFISSIONAIS.indd 97

06/12/2014 18:08:35


PRÊMIO ARTEAMBIENTE 2014

V E N C E D O R D A C A T E G O R I A

MÓVEIS PLANEJADOS

EVVIVA BERTOLINI

98 | arteambiente | novembro/dezembro 2012

Premio ArteAmbiente - EMPRESAS e PROFISSIONAIS.indd 98

06/12/2014 18:08:42


DEZEMBRO 2014 / JANEIRO 2015 | 99

Premio ArteAmbiente - EMPRESAS e PROFISSIONAIS.indd 99

06/12/2014 18:13:38


PRÊMIO ARTEAMBIENTE 2014

V E N C E D O R D A C A T E G O R I A

MÓVEIS SOB MEDIDA

DIMADEIRA

100 | arteambiente | novembro/dezembro 2012

Premio ArteAmbiente - EMPRESAS e PROFISSIONAIS.indd 100

06/12/2014 18:13:45


DEZEMBRO 2014 / JANEIRO 2015 | 101

Premio ArteAmbiente - EMPRESAS e PROFISSIONAIS.indd 101

06/12/2014 18:13:56


PRÊMIO ARTEAMBIENTE 2014

V E N C E D O R D A C A T E G O R I A

OBJETOS DE DECORAÇÃO

DETALHES OBJETOS

102 | arteambiente | novembro/dezembro 2012

Premio ArteAmbiente - EMPRESAS e PROFISSIONAIS.indd 102

06/12/2014 18:14:02


DEZEMBRO 2014 / JANEIRO 2015 | 103

Premio ArteAmbiente - EMPRESAS e PROFISSIONAIS.indd 103

06/12/2014 18:14:17


PRÊMIO ARTEAMBIENTE 2014

V E N C E D O R D A C A T E G O R I A

SOLUÇÕES CORPORATIVAS

ARTLINE

104 | arteambiente | novembro/dezembro 2012

Premio ArteAmbiente - EMPRESAS e PROFISSIONAIS.indd 104

06/12/2014 18:14:23


DEZEMBRO 2014 / JANEIRO 2015 | 105

Premio ArteAmbiente - EMPRESAS e PROFISSIONAIS.indd 105

06/12/2014 18:14:30


PRÊMIO ARTEAMBIENTE 2014

V E N C E D O R D A C A T E G O R I A

VIDROS

VINNUS DESIGN

106 | arteambiente | novembro/dezembro 2012

Premio ArteAmbiente - EMPRESAS e PROFISSIONAIS.indd 106

06/12/2014 18:14:36


DEZEMBRO 2014 / JANEIRO 2015 | 107

Premio ArteAmbiente - EMPRESAS e PROFISSIONAIS.indd 107

06/12/2014 18:14:44


PRÊMIO ARTEAMBIENTE 2014

V E N C E D O R D A C A T E G O R I A

AMBIENTAÇÃO COMERCIAL

ARAMARI TUDE E FRANKLIN MOREIRA 108 | arteambiente | novembro/dezembro 2012

Premio ArteAmbiente - EMPRESAS e PROFISSIONAIS.indd 108

06/12/2014 18:14:50


DEZEMBRO 2014 / JANEIRO 2015 | 109

Premio ArteAmbiente - EMPRESAS e PROFISSIONAIS.indd 109

06/12/2014 18:15:01


PRÊMIO ARTEAMBIENTE 2014

V E N C E D O R D A C A T E G O R I A

AMBIENTAÇÃO RESIDENCIAL

ANTÔNIO FÉLIX E MOISÉS FÉLIX 110 | arteambiente | novembro/dezembro 2012

Premio ArteAmbiente - EMPRESAS e PROFISSIONAIS.indd 110

06/12/2014 18:15:07


DEZEMBRO 2014 / JANEIRO 2015 | 111

Premio ArteAmbiente - EMPRESAS e PROFISSIONAIS.indd 111

06/12/2014 18:15:15


PRÊMIO ARTEAMBIENTE 2014

V E N C E D O R D A C A T E G O R I A

MOSTRAS E VITRINES

GILVAN ACCIOLLI

112 | arteambiente | novembro/dezembro 2012

Premio ArteAmbiente - EMPRESAS e PROFISSIONAIS.indd 112

06/12/2014 18:15:21


DEZEMBRO 2014 / JANEIRO 2015 | 113

Premio ArteAmbiente - EMPRESAS e PROFISSIONAIS.indd 113

06/12/2014 18:15:32


PRÊMIO ARTEAMBIENTE 2014

V E N C E D O R D A C A T E G O R I A

ARQUITETURA COMERCIAL

LILIA DUARTE

114 | arteambiente | novembro/dezembro 2012

Premio ArteAmbiente - EMPRESAS e PROFISSIONAIS.indd 114

06/12/2014 18:15:40


DEZEMBRO 2014 / JANEIRO 2015 | 115

Premio ArteAmbiente - EMPRESAS e PROFISSIONAIS.indd 115

09/12/2014 16:11:45


PRÊMIO ARTEAMBIENTE 2014

V E N C E D O R D A C A T E G O R I A

ARQUITETURA RESIDENCIAL

ANTÔNIO FÉLIX E MOISÉS FÉLIX 116 | arteambiente | novembro/dezembro 2012

Premio ArteAmbiente - EMPRESAS e PROFISSIONAIS.indd 116

09/12/2014 16:11:54


DEZEMBRO 2014 / JANEIRO 2015 | 117

Premio ArteAmbiente - EMPRESAS e PROFISSIONAIS.indd 117

09/12/2014 16:12:01


ANUÁRIO 2014 | QUEM BRILHOU NA FESTA DO ANO

Felipe Vasconcelos

Helânia Cavalcante, Henrique Raphaela e Ygor Romeiro e Mônica Gusmão Prudente

Rosana Lima e Walleska Maia

Isabella Mendonça e Lélio Fortes

Marcela Moraes, Renata Amaral e Cláudia Dunkel

Mactony Negrão

Aloisio Junior e Daniela Hagenbeck

Jorge Barros e Jacqueline Lopes

Inês Campos e Alexandre Pereira

Marilia e Marcela Melo

Carla Bohrer e José Ferreira

Ângela Almeida e Daniel Almeida

Maria da Guia e Gorete Vieira

Sidney Quintela e Cátia Bacellar

Tenildes Santana, Amanda Souza e Dora Azevedo

Camila Siqueira

118 | revista arteambiente

arteambiente 47.indb 118

09/12/2014 17:53:43


Ana Romélia e Cristiana Cardoso

Denisson e Viviane Andrade

Natália Vasconcellos Carol Carvalho e Isabel Vasconcellos

Jéssica Ferreira, Danniel Costa e Patrícia Aguiar

Flávio Diniz e Mariana Viana

Izala Nunes

Alane Medeiros e Thiago Moura

José Eduardo e Cleide Soares

Silvia Cabral, Antônio Cabral e Márcia Cabral

Leonardo e Meire Mittaraquis

Marlene Freire e Givaldo Barbosa

Carine e Alexsandro Dias

Lídice Rodrigues e Jonatal Sousa

Railson Braga, Rafaelli Braga, Tatiana Maynard e Ronaldson Junior

Cristiane e Alex Batalha

Lícia Acioli

DEZEMBRO 2014 / JANEIRO 2015 | 119

arteambiente 47.indb 119

09/12/2014 17:54:09


ANUÁRIO 2014 | QUEM BRILHOU NA FESTA DO ANO

Conceição Prado e Anderson Machado

Luciana Galvão e Hélio Aguiar

Alysson Costa e Mara Vieira

Ana Cristina Andrade e Kleber Andrade

José Meireles e Marilene Barros

Gleide Belfort e Caroline Lenzi

Thiago Collares e Julieta Maria

Victor Silva e Juvino Silva

Alan Gustavo

Vera Miranda e Maria Hora

Clovis Sobral Neto e Lara Borges

Robson Queiroz, Fernando Moreira e Victor Araripe

Júlia Bonfim e Flávio Nedrado

Letícia Santana, José Menezes, Vera Lúcia e Amanda Aragão

Matheus Santana, Lúcio Ferraz e João Marcos Ferreira

120 | revista arteambiente

arteambiente 47.indb 120

09/12/2014 17:54:26


Ítalo Leal e Rômulo Gomes

Natália e Lane Gonçalves

Max Levita e Eliza Torres

Neila Machado e Sheila Machado

Bertha e Leila Franco

Thiciana Cardoso e Morenita Bispo

José Carlos da Silva e Tânia Silva

Aline Farias e Taiana Pithon

Roger Peixoto e Isabelle Peixoto

Bianca Secundo e Márcio Batalha

Manuela Andrade e Mauricio Lins

Carina e Osvaldo Torres

Deivid Gois e Jacqueline Gois

Verah Carvalho e Rodrigo Fonseca

Fernanda Araujo e Thiago Amorim

Antônio Félix e Kamile Cardoso

DEZEMBRO 2014 / JANEIRO 2015 | 121

arteambiente 47.indb 121

09/12/2014 17:54:48


ANUÁRIO 2014 | QUEM BRILHOU NA FESTA DO ANO

Equipe ArteAmbiente, profissionalismo e competência

Pela primeira vez em Araca ju a banda Yow impressionou a todos pela sua batida moderninha Mimos distribuidos a todos os convidados

Maria Hora, Catarina Andrade, Cristiana Cardoso, Rafaelli Braga, Flávia Barreto e Ana Romelia

122 | REVISTA ARTEAMBIENTE

arteambiente 47.indb 122

09/12/2014 17:54:57


Sidney Quintela, Tiago Amorim e Mauricio Lins

Mais uma vez o Dj Cafú comandou as pickups

Equipe Lúmina felizes com o premio

Sandra Cristina, Diogo Dantas, Márcio e Alex Batalha

Arlenio Júnior, Bianca Machado, Bárbara Ca jueiro, Lorena Machado e Carol Murlet

Francisco Xavier, Clarissa Rabelo e Jonatal Sousa com os profissionais vencedores do Premio ArteAmbiente e que também ganharam acessos ao evento Bonfim La je Marconi Tavares e Silvia Alves DEZEMBRO 2014 / JANEIRO 2015 | 123

arteambiente 47.indb 123

09/12/2014 17:55:09


ANUÁRIO 2014 | QUEM BRILHOU NA FESTA DO ANO

Liliane Souza, Maria Ivete, Aracelli Christine e Bárbara Venícius

Emerson Vasconcelos, Matheus Menezes e Cleber Silveira

Tatiana Calazans, Edbraulio Vieira, Nara Nascimento e Gabriel Lessa

Jorge Adriano, Leila Hora, Carine e Alessandro Dias, Thiago Moura, Ronaldeyvison Macedo e Ronaldson Junior

Lélio Fortes e Clovis Sobral

Isabella e Leôncio Aguiar

Amanda Mitidieri, Napoleão Almeida, Lilia Macedo e Gustavo Leão

Mônica Dalbosco, Hortência Gonçalves e Tâmara Teles

Sócrates Moura, Ruan Rodrigo, Luiz Fernando e Franklin Moreira Karla Mansilla, Kelly Ribeiro, Joaquim Neto, Gleide Belfort e Caroline Lenzi 124 | REVISTA ARTEAMBIENTE

arteambiente 47.indb 124

09/12/2014 17:55:37


José e Rosa Lopes, Juvino Silva e Victor Silva

Bismark Vasconcelos, Ingrid Brandão, Laiane Tiara e Danilo Andrade

Sebastião Lima, Jonatal Sousa, Mauricio Bahia e Leonardo Mittaraquis

Lilia Duarte e Leonardo Souza

Carol Souza, Flávio Nedrado e Julia Bonfim

Jacqueline e David Gois, Karine Bispo e Genacto

Alejandro Hussain e Angélica Venícius

Aline Farias, Taiana Pithon, Tatiana Maynard e Ronaldson Junior

Mari Cechinel, Patricia Morais, Thais Santana e Aurea Mirela

Alisson Queiróz, Ramon Macedo e Danilo Andrade

DEZEMBRO 2014 / JANEIRO 2015 | 125

arteambiente 47.indb 125

09/12/2014 17:55:54


ANUÁRIO 2014 | QUEM BRILHOU NA FESTA DO ANO

Gilvan Mota e Jacqueline Oliveira

Ilana e Clésio Evangelista

Ivan Rabelo e Clarissa Rabelo

Ana Paula e Josan Gurgel

Natália Vasconcellos, Thiago Moura, Isabel Vasconcellos e Barroso Melo

Jorge Barros, Adriano Gomes e Fernando Rezende

A Ação Solidária Almir do Picolé foi a entidade beneficiada este ano

Jailton Carvalho, Maria Kátia, Elisângela Ávila e Adriano Ávila

Patrícia e Marco Freitas

Jean Jesus e Alexandre Tavares

Marcos e Dacira Ribeiro, Josilaine Araújo e Cleverton Nascimento

126 | REVISTA ARTEAMBIENTE

arteambiente 47.indb 126

09/12/2014 17:56:04


Karinne Santiago

Andréa Patrícia e José Carlos

Carol Carvalho, Juliana Soares, Ricardo Resende e Rômulo Gomes

Katiane Passos, Morenita Bispo e Thiciana Cardoso

Cátia Bacellar

Júlia e Gerinaldo Oliveira

Rhenata e Ronaldeyvison Macedo

Fabrício Noronha, Lane e Natália Gonçálves

Márcio Lyncoln e Neide

Herval Rosa e Ceiça Xavier

Álvaro Rocha, Ablane Rodrigues e Daniela Rodrigues

Júnior Lima, Mari Dias e Ula Ribeiro

DEZEMBRO 2014 / JANEIRO 2015 | 127

arteambiente 47.indb 127

09/12/2014 17:56:21


ANUÁRIO 2014 | QUEM BRILHOU NA FESTA DO ANO

Conceição e Maira Prado

Caã e sua esposa com Neila Machado e Sheila Machado

Dalce Graieb, Cristina Pacheco e Cida Teixeira

Luciana Carvalho e Marcelo Leal

Heyder Macedo, Wellison Barbosa, Hudson Mauad e Marcelo Silva

Ericka Kateriny e Dr. Osmario Dantas

Ceiça Santos

Verah Carvalho e Rodrigo Fonseca

A eterna alegria de Araripe Coutinho

João Manoel, Layana Teles, Suely Nunes e Mário Britto

Laura Estrela

Gilaldo Cunha e Liv Oliveira

Vera Lúcia e Amanda Aragão

Nancy Barreto e Hortência Barreto

128 | REVISTA ARTEAMBIENTE

arteambiente 47.indb 128

09/12/2014 17:56:34


Amanda Mitidieri e Manoel Neto

Poliana Fonseca e Jorge Alves

Thiago Amado, Léa Patrícia e Lúcio Flávio

Kátia Cruz

Manuela Andrade, Mauricio Lins e Karine Oliveira

Eliza Torres e Max Levita

Alan Gustavo e Gilberto Vaqueiro

Patrícia Duarte e César Oliveira

Elmo Oliveira, Bruna Hayala e Ennio Oliveira

Gabriela Valenzuela e Willy Valenzuela

Bartira Brito e Herô Marcques

Lucas Batalha e Yago Cairu

Luiz Francisco, Adriana Guimarães e Luiz Carlos

Leonardo Mittaraquis e Jonatal Sousa com apresentadora do programa Caderno de Domingo Patrícia França

DEZEMBRO 2014 / JANEIRO 2015 | 129

arteambiente 47.indb 129

09/12/2014 17:56:47


ANUÁRIO 2014 | QUEM BRILHOU NA FESTA DO ANO

Cristiana Cardoso e Lilia Duarte

Alisson Souza e Ana Angélica

Guy Ramos e Rose Fonseca

Flávia Barreto e Samir Melo

Jorge Santos e Carol Santos

Viviane e Denisson Andrade

Maria José Cardoso, Alinne e Kívia Cardoso

Carla Bohrer e José Ferreira

Bruno Pinheiro, Lícia Acioli, Gilberto Pedrosa e Rafaelle Azevedo

Cristiano Gois, Meire e Leonado Mittaraquis

Leonado, Meire Mittaraquis,Socorro Lima, Léo A. Mittaraquis, Loena Mittaraquis, Alexandre Arbijaus, Jeane Garcia e Ricardo Barreto

Newson Fonseca Katiane Passos

Telma e Djair Oliveira

Renata e Flávio Barreto

130 | REVISTA ARTEAMBIENTE

arteambiente 47.indb 130

09/12/2014 17:57:03


ANUÁRIO ARTEAMBIENTE 2014

Serviço Cerimonial e organização: Mauad Consultoria e Eventos Conceito e projeto de ambientação: Mauad Consultoria e Eventos e Lico Cardoso Mestre de Cerimônia: Márcio Lyncoln Fotografias: Latino Studio Fotográfico e Isa Andrade Entidade beneficiada: Ação Solidária Almir do Picolé Lounges (empresas): Celimalldecor, Festalito, Fragmentos e Sierra Novotok, Comunicação Visual: Fusão Comunicação Visual, Impacto Comunicação Visual, GW Soluções em Comunicação Visual e Trimac Comunicação Visual Local: Espaço Villa Antonella Buffet: Tina Delícias Atrações musicais: Banda Yow e DJ Cafú Iluminação Cênica: Top Light Chocolates Especiais: Chocolates da Carol Bebidas Premium: Cerveja Budweiser e Prosecco Bossa Nova (Adega Wine House) Agência de Viagens: ATM Viagens Motorista Amigo: FSE Figueiredo Segurança de Eventos Toldos: Armazém dos Toldos Vídeo Wall: Juliano Oliveira Studio

DEZEMBRO 2014 / JANEIRO 2015 | 131

Anuario Arteambiente 2014 - Decoração.indd 131

09/12/2014 17:22:31


Espaço CAU-SE

Arquitetura e Urbanismo

É

Karinne Santiago Presidente do CAU/SE

para todos! senso comum entre os arquitetos e setores importantes da sociedade que a Arquitetura e o Urbanismo são essenciais para a qualidade de vida da população. Uma profissão de articuladores, que precisam participar da vida nas cidades como parceiros estratégicos, debaterem sobre as questões de planejamento, como também desempenharem a profissão de forma ética, com seus clientes e colegas. No tocante ao tema, precisa-se preservar o patrimônio histórico-arquitetônico, preocupar-se ainda mais com o meio ambiente e com o futuro das cidades, além das atribuições paisagísticas, de arquitetura de interiores, de edificações quaisquer e de todas aquelas atribuições inerentes à formação do Arquiteto e Urbanista. A prática mostra que, apesar dos envolvimentos dos profissionais com suas atividades, essa aproximação com a sociedade, como parceiros estratégicos, debatedores do espaço construído e do espaço urbano, ainda é incipiente. O diálogo constante é necessário para que ambos superem este quadro contraditório. “Arquitetura e Urbanismo para todos!” é o tema da valorização profissional eleito pelos envolvidos na cooperação do planejamento estratégico do CAU para os próximos anos. Faz-se necessário que a sociedade entenda o papel do arquiteto e urbanista inserido em seu contexto. Tomando-me à compreensão do tema, esses 24 meses à frente da gestão do Conselho de Arquitetura e Urbanismo de Sergipe - CAU/SE me fizeram enxergar a profissão de uma maneira muito diferente, muito mais consciente dos desafios que ainda temos para enfrentar, contudo tenho a certeza que o que de mais significativo foi cultivado nesta gestão de implantação foi a semente dos novos tempos, a requalificação das nossas ações, condutas e intenções profissionais. Entendo que todos nós precisamos nos unir ainda mais para debater as diferentes relações com a sociedade, as Políticas Públi-

cas criadas pelos governos municipal e estadual; o ensino e a formação, o exercício profissional, o compromisso social dos arquitetos e urbanistas, da ética profissional e da cidadania. Esta gestão deixa o CAU/SE com diversos dados positivos, como um superávit em arrecadação, fruto das campanhas de conscientização que estão sendo feitas, palestras, cursos, seminários, fiscalização e atenção constante; destacamos uma maior interação e inserção do CAU/ SE com os entes da sociedade civil, órgãos governamentais e instituições de ensino, mas queremos ampliar a parceria com outros setores da sociedade. Dou destaque à Semana Nacional de Arquitetura e Urbanismo que ocorreu em julho deste ano e foi de suma importância para Sergipe, reuniões e seminário estadual trouxeram para terras sergipanas as presenças da maioria dos presidentes dos CAUs dos Estados e do Distrito Federal e conselheiros federais e estaduais de todo o país, além dos profissionais locais, para as discussões dos rumos da profissão no território nacional. Quero dizer aos arquitetos e urbanistas do meu querido Estado que cumpri meu dever da melhor maneira possível, dentro das condições que haviam e que me foram impostas de formas adversas, num contexto de implantação e de reconhecimento de um território administrativo-público ainda desconhecido. Reconheço que muito ainda poderá ser feito pelas próximas gestões e afirmo que a próxima encontrará, ao final deste mandato, um conselho com todas as suas contas em dia e devidamente aprovadas, com sede ainda alugada, porém digna, estruturada, equipada e funcionando a todo vapor, para que qualquer profissional ou ente da sociedade possa ser bem recebido. Desejo que cada vez mais os colegas se interessem pelas causas sociais e possam colaborar com o nosso conselho! Sergipe progride num contexto de crescimento e articulação de ações com a sociedade! Afinal de contas, esta profissão é de todos e para todos nós! Boas Festas a todos!

132 | revista arteambiente

arteambiente 47.indb 132

09/12/2014 16:57:01


arteambiente 47.indb 133

09/12/2014 16:57:34


Decoração

Carrinhos de apoio O

s carrinhos de apoio, pequenos móveis para que você possa receber e compor com excelência, estão de volta à decoração e, agora, com muito mais estilo. Versáteis, fazem composê com parte da decoração, trazendo um ar muito mais divertido para qualquer ambiente. Com design moderno e disponível em cores vibrantes e neutras, hoje eles são feitos em diversos tipos de materiais e acabamentos, que podem acomodar acessórios da casa e objetos decorativos, fazendo papel de uma mesa lateral ou aparador nos corredores, em uma proposta mais despojada. Além de terem a função de auxiliar, são lindos.

134 | revista arteambiente

arteambiente 47.indb 134

09/12/2014 16:57:37


dezembro 2014 / janeiro 2015 | 135

arteambiente 47.indb 135

09/12/2014 16:57:40


Responsabilidade Social

Arquiteto, Decorador, Designer de Interiores, estão esperando o quê? Venham fazer parte desse time solidário e vencedor!

O

Gacc Sergipe está em campanha para construção da sede que beneficiará crianças, adolescentes com câncer e doenças do sangue. O projeto orçado em mais de R$ 4 milhões de reais agora necessita de parcerias para a concretização desse grande sonho. Juntos, cada um doando as suas habilidades profissionais, podemos ajudar a concretizar esse lindo projeto. Um projeto idealizado pelo Arquiteto Daniel Sales, de forma voluntária e muito bem planejado, mostra a estratégia para a construção do Gacc. “Esse foi um projeto criado para que atendesse todas as necessidades do Gacc e também que pudesse ser construído de forma

modulada de acordo com os recursos adquiridos” observou Daniel Sales. Ele ainda salientou a importância de ter profissionais parceiros neste projeto para juntos trabalharem a decoração dos ambientes no decorrer da construção. “A ideia é que a gente consiga encontrar profissionais voluntários para cuidar da decoração e ambientação de cada espaço e com a ajuda desses deles deixar o ambiente lindo para as crianças” complementou Daniel. Pensando nisso, o Gacc criou o “Espaço Design Gacc”, que tem o objetivo de criar um ambiente humanizado de alta qualidade e beleza,

136 | revista arteambiente

arteambiente 47.indb 136

09/12/2014 16:57:41


através de projetos de interiores doados por grandes profissionais nas áreas de Arquitetura e Urbanismo, Designs de Interiores em nosso Estado. A Revista ArteAmbiente, em parceria com o GACC, convida os profissionais interessados em participar doando o seu trabalho nessa linda ação solidária, ressaltando que os profissionais que aderirem à ação solidária, terão seus projetos apresentados no Anuário 2015, assim como receberão um certificado pelo reconhecimento e sensibilidade com a causa, além da publicação dos respectivos projetos na Revista ArteAmbiente, dando mais visibilidade ao profissional. Você Arquiteto, Decorador, Design de Interiores, entre outros, está esperando o que? Venha fazer parte desse time solidário e vencedor.

O GACC Em 21 de outubro de 1999, nascia o Grupo de Apoio à Criança com Câncer de Sergipe, um projeto social que visa acolher crianças e adolescentes portadores de câncer e doenças hematológicas, idealizado por mãe e filhas que a partir do trabalho voluntário voltado à pacientes com câncer no Hospital Cirurgia, que enxergaram a necessidade de criar uma instituição desta natureza. E assim fizeram Lygia Ribeiro, Brena Ribeiro e Ulla Ribeiro, atual Diretora Presidente do Gacc. O GACC oferece às crianças e adolescentes usuários, hospedagem, refeições, passagens, medicamentos, cestas bási-

Daniel Sales, arquiteto responsável pelo projeto

cas, exames e consultas, transporte para o hospital, atividades recreativas, atendimento psicológico, ajuda de custo no tratamento fora domiciliar, dentre outros.

Site: www.gacc-se.org.br facebook: gaccsergipe Twitter: @gaccsergipe Acesse: www.radiogacc.com.br e-mail: captcao@gacc-se.org.br Contatos:79 3216-3737/3211-5642

O projeto orçado em mais de R$ 4 milhões de reais necessita de parcerias para a sua concretização

Vista panorâmica da nova sede do Gacc

outubro/novembro | 137

arteambiente 47.indb 137

09/12/2014 16:57:42


Feiras e Mostras

Casa Cor Bahia

Realizada num casar茫o hist贸rico, mostra completou 20 anos com mais brilho e energia 138 | revista arteambiente

arteambiente 47.indb 138

09/12/2014 16:57:47


arteambiente 47.indb 139

09/12/2014 16:57:49


Q

uem ama decoração e arquitetura ficou boquiaberto com a mostra mais famosa do circuito nacional. A vista para a Baía de Todos os Santos foi uma atração à parte da edição 2014 da Casa Cor Bahia, que aconteceu na Chácara Baluarte, no Santo Antônio Além do Carmo, em Salvador. Cerca de 59 profissionais envolvidos nos 39 ambientes souberam aproveitar muito bem a paisagem natural, abusando de janelões, panos de vidro e outras aberturas que integraram o verde aos projetos. O casarão histórico do século 19 foi dividido em lofts, studios, varandas, livings e outros espaços em sintonia com o jeito de viver contemporâneo, que você confere em detalhes nas fotos da galeria. De Sergipe, tivemos dois grandes arquitetos, Wesley Lemos e Thiago Collares, exibindo talento nos ambientes Sala de Jantar e Varanda do Forte, respectivamente. Lucas Silva | Xico diniz

Varanda do Forte, assinada por Thiago Collares, apresentou uma proposta refinada e aconchegante

Luxo tropical na sala de jantar assinada por Wesley Lemos, inspirada na coleção “Croisette” da House of Lacroix

140 | revista arteambiente

arteambiente 47.indb 140

09/12/2014 16:57:55


ASSINANTE CINFORM TEM MUITO MAIS VANTAGENS. DESCONTOS DE ATÉ 50% EM MAIS DE 70 ESTABELECIMENTOS*.

MAIS INFORMAÇÕES: WWW.CINFORM.COM.BR R799210554556/4540

*Consulte rede de parceiros credenciados, descontos e promoções em nosso site.Descontos não cumulativos com outras promoções.

arteambiente 47.indb 141

09/12/2014 16:58:00


Galeria

Willy Valenzuela W

Zé e José Digital Art – 2014

illy Valenzuela (Guillermo David Valenzuela Garrido), arquiteto, escultor, pintor, desenhista, ourives e designer de jóias, arte digital. Nascimento: 23 de maio de 1966, na cidade de Concepción, Chile Entre os seis e sete anos de idade, ainda morando no Chile, Willy Valenzuela já demonstrava aptidão artística fazendo casinhas de caixotes de madeira e de papelão para brincar com os amigos. Em 1975, veio para o Brasil. Inicialmente morou em Cajati e, depois, em Santos, cidades do Estado de São Paulo. No início da década de oitenta, interessado pelo artesanato hippie, fez brincos e pulseiras que vendia na escola onde estudava. Em 1984, montou sua primeira banca para vender bijuterias. Autodidata em ourivesaria, design de jóias e gemologia. Em 1985, em contato com artesãos, aprendeu diferentes técnicas e começou a utilizar pedras preciosas, semipreciosas e metais nobres, como o ouro e a prata para confeccionar as suas peças. Em 1988, mudou-se para Aracaju/SE, cidade escolhida para viver e desenvolver a sua arte, razão pela qual é considerado artisticamente sergipano. De 1995 a 1998, estudou artes com o sergipano Leonardo Alencar, por quem nutre gratidão e admiração e, através do qual, conheceu a obra de H.R.Giger (Alien), artista envolvido em um universo necrófilo e biomecânico com forte apelo sexual,

Abstrato Recortado – Concreto Celular – 2006

características que repercutiram na obra de Willy. Henry Moore, Jason Quigno, Lúcio Bittencourt, Jaya Samberg e Jorge Calfo são, também, referências de influência na carreira dele. Com absoluto domínio de técnica, explorando elementos de grande volumetria espaciais e atento às questões ambientais, Willy Valenzuela, na elaboração de seus trabalhos, utiliza, enquanto energia construtiva, diferentes tipos de fragmentos e/ou materiais reciclados - sucatas encontradas na natureza, como teclados de computador, portas de geladeira, retalhos de tecidos, plásticos e alumínios, madeiras de demolição, peças de moto e de carro, etc. Para o artista “a ação de reciclar é composta de um pensamento fragmentário que combina objetos de distintas naturezas para criar novos objetos a par-

142 | revista arteambiente

arteambiente 47.indb 142

09/12/2014 16:58:00


Protagonista atuante na cena cultural sergipana, Willy foi diretor do patrimônio da ASAP - Associação Sergipana de Artistas Plásticos, durante duas gestões. Tem participado de encontros culturais, seminários, oficinas e, desde a sua primeira exposição individual ocorrida na Galeria de Arte Álvaro Santos, em 1996, tem realizado assiduamente exposições individuais e participado de diversas coletivas no Brasil, notadamente, em Aracaju/SE. Destacam-se as seguintes individuais: Galeria Florival Santos/Cultart, em 1997; Espaço Cultural do Teimonde, em 1999; Espaço Cultural Yazigi e Unimed, em 2001; Assembleia Legislativa do Estado de Sergipe, em 2005; Espaço Cultural Atelier 22 e ENERGIPE, em 2006 e Espaço Cultural Yazigi, em 2009. Em seu vasto curriculum artístico, consta, ainda, a confecção dos troféus “O Capital”, para o jornal O Capital, em 1998; “Liberdade de Imprensa”, para a Associação Sergipana de Imprensa, e “Destaques 2012”, para a revista Arte Ambiente.

Príncipe Francês – Escultura em Plástico PVC – 2014 CRONOLOGIA

Partícula de Matéria – Digital Art – 2014

1966 – Nasce em Concepción, Chile 1975 – Muda para o Brasil, inicialmente, morou, em São Paulo, nas cidades Cajati e Santos 1988 – Transfere-se para Aracaju/SE 1994 - Gradua-se em Arquitetura e Urbanismo pela Universidade Tiradentes (UNIT), em Aracaju/SE 1994 – Inicia-se nas artes plásticas 1995 – Participa do V Salão Nacional da UFS, da

Lúcio Telles

tir da seleção de sucatas de materiais diversos, sugerindo uma brincadeira de “bricolagem”. Artista contemporâneo, a principal característica de sua arte é a (des)construção da imagem. Os temas são os mais diversos, com predominância do figurativo, a exemplo de madonas, guerreiros, magos, seres metafísicos e oníricos. Entre as dezenas de obras em praças e logradouros públicos, destacam-se, em sua opulenta iconografia, o monumento “Liberdade de Imprensa”, na Praça da Imprensa, em Aracaju/SE; uma estátua de Tobias Barreto, no município de Tobias Barreto/SE e outra de Nossa Senhora Santana, em Boquim/SE. Valendo-se dos programas de computador Corel Drow, Photoshop, Zbrush e Paint Net, Willy Valenzuela tem realizado trabalhos, também, na seara da arte digital. A convite de arquitetos, participou por duas vezes, em 1998 e 1999, do evento de decoração Casa Cor Bahia, realizado em Salvador e em 2000, da versão local, denominada Casa Aracaju. Tem, ainda, trabalho registrado, a nível nacional, na revista Casa Cláudia Decorações. Em 1994, graduou-se em Arquitetura e Urbanismo pela Universidade Tiradentes (UNIT), em Aracaju/SE e, em 2008, em Psicoterapia Trans pessoal com formação em Psicoterapia de Vidas Passadas. Em 1994, iniciou-se nas artes plásticas. Compulsivo, já produziu mais de 14 mil trabalhos entre desenhos, pinturas e esculturas. Em 1995, participou do V Salão Nacional da UFS, da Universidade Federal de Sergipe; em 1998, ganhou o prêmio “‘Véio”, no IX Salão dos Novos Artistas da Galeria de Arte Álvaro Santos, em Aracaju/SE, com a escultura, em pedra calcária, denominada “Senhor da Guerra”. Em 2002, ficou em segundo lugar no primeiro concurso de escultura na areia “Verão Vivo”, realizado em Aracaju/SE.

Mário Britto é ProcuradorChefe do Centro de Estudos da Procuradoria Geral do Estado, escritor, palestrante, curador, colecionador de arte e sócio fundador da Sociedade Semear.

Universo Vermelho – Digital Art – 2014

Universidade Federal de Sergipe 1995/1998 – Estuda artes com o sergipano Leonardo Alencar 1996 – Realiza a primeira exposição individual na Galeria Álvaro Santos, em Aracaju/SE 1998 - Ganha o prêmio “‘Véio”, no IX Salão dos Novos Artistas da Galeria de Arte Álvaro Santos, em Aracaju/SE 2002 – Fica no segundo lugar no primeiro concurso de escultura na areia “Verão Vivo”

2008 – Conclui curso de Psicoterapia Transpessoal com formação em Psicoterapia de Vidas Passadas

dezembro 2014 / janeiro 2015 | 143

arteambiente 47.indb 143

09/12/2014 16:58:04


arteambiente 47.indb 144

09/12/2014 16:58:07


arteambiente 47.indb 145

09/12/2014 16:58:10


Tendências Evento

A imponente fachada

Maison Evidência A

empresária Maria José Cardoso proprietária da conceituada e tradicional loja de moda festa e casual, Evidência Modas, localizada na Galeria Center 13, agora traz para Aracaju, juntamente com suas filhas Alinne Cardoso e Kívia Cardoso, a Maison Evidência, na Praça da Imprensa, 35, tel.: (79) 3246-2323, Instagram @evidenciamodas. A inauguração no dia 2 de dezembro ocorreu com um evento badaladíssimo, no qual Maria José comemorou com seus convidados o início de mais um grande sucesso. A Maison Evidência tem ambientes lindos e agradáveis que visam proporcionar o maior conforto, além de contar com um espaço gourmet. Tudo elaborado para mimar suas clientes. Além da moda casual com as grifes Armazém, Carlota Costa, Shop 126, também encontramse as melhores grifes da moda festa tais como Arthur Caliman, Patchoulee, M Rodarte e Vivaz. Fotos Victor Sampaio.

Maria José Cardoso, Roberta Menezes e Alinne Cardoso

Maria José Cardoso, Mouranice e Aninha Portela

Maria José Cardoso ladeada pelas responsáveis pela organização do coquetel de inauguração, Ana Paula Araújo e Lorena Pauferro

Modelos com peças da loja

Maria José Cardoso e Lelia Franco

Alinne Cardoso, Kívia Cardoso, Maria José Cardoso e Josué Reis da Silva

Michelle Farias, Kivia Cardoso, e Ana Paula Deda

Os 250m2 da Maison Evidência garantem ambientes confortáveis para os clientes Maria José Cardoso e a arquiteta Ana de Cáscia

Mônica Fernandes, Maria José Cardoso e Karine Fernandes

146 | revista arteambiente

arteambiente 47.indb 146

09/12/2014 16:58:37


arteambiente 47.indb 147

09/12/2014 12:17:21


Evento

Vida Vip 2015 O

dia 31 outubro foi marcado por mais um lançamento do Vida VIP, livro concebido pela jornalista Maria Franco, que anualmente lista os principais nomes e empresas de Sergipe. A noite de comemoração aconteceu no Sônia Lima Loft, onde o seleto mailing levou seu abraço à querida amiga, e se divertiu em uma festa minuciosamente pensada. Vips circularam e lotaram a pista, comandada pelo Dj Cafu e pela banda Negra Cor, até as primeiras horas do sábado, 1. Confiram o registro fotográfico, obra de Juliano Oliveira.

Maria Franco, a protagonista da noite

Maria com o vice-prefeito de Araca ju, José Carlos Machado

Cercado por Del Moura e Laércio Oliveira

Maria recebe Marcelo Sampaio

Maria e seu pai, Zé Franco

Maria com os amigos Eduardo Gama e Ana Maria Eloy

A protagonista da noite com Napoleão Almeida e Lilia Macedo

arteambiente 47.indb 148

Com o arquiteto Wesley Lemos e o jornalista Leonardo Lotti

09/12/2014 12:17:23


A anfitriã e seu marido, Alex Sampaio

A turma jovem marcou presença

Maria ladeada por Mônica e Ricardo Franco

Maria com o empresário Albano Franco

A anfitriã recebeu uma leva de convidados bacanas

Maria com os amigos Eduardo Gama e Ana Maria Eloy

arteambiente 47.indb 149

Maria com seu padrasto, Luís, e sua mãe Luzia Santhana

Adelmo Casé, e sua Negra Cor, foram as atrações da noite

Maria com Vaneide e Gabi Mitidieri, e Luciano Barreto Neto

09/12/2014 12:17:25


Evento

Mário Britto lança livros

Mário Britto lança livros, dá palestras e faz exposições em Viena e em Paris

N

o último dia 16 de outubro, na residência oficial do Embaixador do Brasil na Áustria, Evandro Didonet, Mário Britto participou de uma Mesa Literária abordando o tema “Uma Perspectiva Sobre as Artes Plásticas em Sergipe”, ocasião em que lançou o livro de sua autoria “Um Sentir sobre as Artes Visuais em Sergipe”. No dia 17 de outubro, na abertura oficial do Brasilianisches Kulturfestival Wien 2014, no Weltmuseum Wien, evento capitaneado pela sergipana, radicada em Viena, Vanessa Noronha Tolle, entre outros sergipanos e brasileiros participantes, Mário Britto fez a curadoria da exposição “Manifestações Culturais Sergipanas”, do fotógrafo Márcio Garcez, com lançamento do catálogo “Manifestações Culturais Sergipanas”, por Márcio Garcez, nos idiomas português, inglês

e alemão. Já em Paris, na semana seguinte, além de apresentar alguns de seus livros de arte, Mário Britto participou do lançamento do “Guide Bienal d’Art Contemporain pela Paz no Mundo”, nos idiomas francês e inglês, de autoria da produtora cultural e comissária do Carrousel du Louvre Heloiza Azevedo, de quem recebeu o convite para fazer o prefácio do Guide. Na exposição do Carrousel du Louvre, Mário Britto representou os artistas Guel Silveira (pintura), Pablo Menezes (escultura) e Márcio Garcez (fotografia). Pela sua importante participação no evento do Carrousel du Louvre, em Paris, Britto recebeu de Heloiza Azevedo, o “Diplôme D’ Honneur” du Salon Professionnel d’ Art Contemporain du Carrousel du Louvre, bem como o “Troféu a Arte pela Paz”.

Evento na Embaixada do Brasil na Áustria

Mário Britto, Vanessa Noronha Tolle e Márcio Garcez

Vanessa Noronha Tolle, idealizadora do Festival do Brasil em Viena, Mário Britto, a cordealista sergipana Izabel Nascimento e o fotógrafo Márcio Garcez

Mário Britto entrega ao embaixador do Brasil em Viena, Evandro Didonet, o livro de sua autoria sobre o artista Anselmo Rodrigues

150 | revista arteambiente

arteambiente 47.indb 150

09/12/2014 12:17:27


Exposição Manifestações Culturais Sergipanas

Exposição do fotógrafo Márcio Garcez no Welt Museum Wien, em Viena

Márcio Garcez e Mário Britto apresentam o Catálogo “Manifestações Culturais Sergipanas”

Vanessa Noronha Tolle com o Diretor do Welt Museum, Wien Steven Engelsman, e a curadora do Museu Cláudia Augustat

Mário Britto e Michael Andreas Tolle

Márcio Garcez, Izabel Nascimento, Cândida Oliveira e Mário Britto

Exposição do Carrousel du Louvre, Paris

Mário Britto com Danielle Cardoso Maia e Juliane Oliveira, fundadoras do Centro Cultural do Brasil na França

Zeca Fernandes, Mário Britto, Guel Silveira e Guta Silveira

Heloiza Azevedo com Pablo Menezes

Flash do evento no Carrousel Du Louvre

Pedro Lino, Maíra Costa, Ana Paula Santiago, Mário Britto e Ana Luiza Almeida

Mário Britto com o fotógrafo Márcio Garcez

dezembro 2014 / janeiro 2015 | 151

arteambiente 47.indb 151

09/12/2014 12:17:31


Onde Encontrar

Localize os anunciantes presentes nesta edição Alúmen (Pág. 08) (79) 3223-1073 | 8113-4204 | 3022-0482

Meta Engenharia (Pág. 117) (79) 3042-7670 | 8151-6384

Anuário de Condomínio (Pág. 147) (79) 3231-3475

Miranti Móveis de Escritório (Pág. 61) (79) 3246-2263

Armazém dos Toldos (Pág. 139) (79) 3041-3807

Mistão / Criare (Pág. 35) (79) 3234-0700

Balcony Brasil (2ª Capa) (79) 3021-1100

Mistão Material de Construção (Pág. 23) (79) 3234-0600

Casa do Fio (Pág. 49) (79) 3216-0700

Mistão Móveis (Pág. 41) (79) 3234-0700

Casa Mais Decorações (Pág. 17) (79) 2107-5300

Modular (Pág. 4) (79) 2107-5301 | 3179-6050

Casa Vip (Pág. 29) (79) 3211-5121

Pecom (Pág. 21) (79) 3179-4630

Celmar (Pág. 30) (79) 3211-9152

Pérola Joias (Pág. 19)

Classe A Pisos e Revestimentos (Pág. 32) (79) 3217-2994 Cinform (Pág. 141) (79) 2105-4556 | 2105-4540 Dimadeira (Pág. 44) (79) 3217-3223 Disk Varal Moderno (Pág. 153) (79) 9979-6167 - 3044-1021 DNA Gesso (Pág. 51) (79) 3241-5548 Êxito (Pág. 69) (79) 2107-8585 Fragmentos (Pág. 133) (79) 3211-2568 |9136-1558 | 9929-25955 | 8814-5424 Fusão Comunicação Visual (Pág. 14) (79) 3246-1644 / 3214-1000 GW (Pág. 65) (79) 3213-7244 Home Design (4ª Capa) (79) 3225-9900 Luzelle (Pág. 27) (79) 3217-6437

Shöez (Pág. 59) (79) 3246-2527 Shopping Casa Design (3ª Capa ) shoppingcasadesign@shoppingcasadesign.com.br Shopping Garden (Pág. 39) (79) 3248-1918 Sob Medida - Criativa (Pág. 37) (79) 3214-6424 | 3211-2152 Sob Medida - Persiflex (Pág. 47) (79) 3214-6424 | 3211-2152 Superlux (Pág. 71) (79) 3249-3334 Tecnoflex (Pág. 12) (79) 3023-0774 Terraço Vidros Inteligentes (Pág. 42) (79) 9924-7744 / 3209-1790 Top Vidros (Pág. 153) (79) 3043-7316 | 9987-4976 Vidro Home/Reiki (Pag.10) (79) 3243-5965 / 9999-6666 / 9134-0150 Zelarflex (Pág. 06) www.zelarflex.com.br

152 | revista arteambiente

Onde encontrar 47.indd 152

09/12/2014 15:52:50


Box - Portas - Janelas - Basculante - Pivotante - Espelhos (79) 3043-7316 | 9987-4976 Av. Augusto Franco, 1.685 – Pereira Lobo – Aracaju/SE contato@topvidrosaracaju.com.br | www.topvidrosaracaju.com.br

Disk Varal Moderno Atendemos em Domicílio Venda | Instalação |Manutenção Controle Individual de Varetas Varetas de Alumínio Qualidade - Praticidade Sofisticação

9979-6167 | 3044-1021 betovaral17@yahoo.com.br

arteambiente 47.indb 153

09/12/2014 12:17:37


Arte e Letra

Aos irmãos e às irmãs em armas, um alerta contra terrível vírus “Não se faz boa literatura com boas intenções nem com bons sentimentos.” André Gide

P Léo A. Mittaraquis leomittaraquis@uol.com.br Professor de Filosofia, crítico do que cisma de criticar e gosta de cachorro

“Minha poesia é vazia, Mas que mais a faria? A incompreensão do mundo cão, Merece minha melhor porcaria” J.F.

oetice é uma terrível enfermidade de proporções pandêmicas. Não tão terrível para quem a carrega. No mais das vezes, o infectado não tem consciência alguma de que se encontra enfermo. Contudo, para aqueles que se habituaram a um ambiente poético altamente qualificado - onde a ferramenta é a régua da perfeição (mesmo que poucos a alcancem), e esta é a referência maior percebida apologeticamente tanto pelos que elaboram versos, como pelos que se deleitam em lê-los - a poetice é praga de proporções moiseístas, é sinônimo de tortura única, disseminadora de mal-estar nevrálgico. Aracaju, terrinha em que cultivo o auto-ostracismo, não é a única privilegiada a manter, por falta de radical higienização estética, a prática pestilenta poeticida – vale dizer: a poetice se assemelha à amebíase, corre o risco de incautos ingerirem os cistos, e aí a infecção se instala. Então, seres medonhos, similares a livros, se manifestam, salta em nossas mãos. O ar abafado, viciado, úmido dos saraus (des) organizados para lançamentos é ambiente propício à disseminação via

bafo de um canalha abjeta e acéfala com pretensões hipermetafóricas. Algo assim como um Walking Dead de quinta categoria. Moléstia se encontra à larga em quantos cantos tenham estepaiz. O Infectados e vetores falsificam endossos à versificação excrementosa enfiando nomes consagrados, como se a afirmar aprovação ectoplásmática dos imortais, este que, por sorte e graça divina, receberam a benção de morrerem antes que a World War Z da poesia-barbie ou da poesia sofrente-pseudo-simbolista mais-que-tardia se instaurasse como um estado islâmico. Os infectados constituem grande horda de zumbis das metáforas rasas. E proliferam: ei-los nas redes, nos saraus organizados pelos picaretas das palavras, nos livrecos lançados em eventos suspeitos, em que o autor ou a autora sem o menor pejo explora a acústica do espaço a gritar suas crias... prole da coisa maldita, enquanto servem vinho branco doce barato e quente aos “amantes” da boa lavra. Oremos...

154 | revista arteambiente

arteambiente 47.indb 154

09/12/2014 12:17:37


capa 47.indd 2

06/01/2015 12:00:46


capa 47.indd 2

06/01/2015 11:51:29

Arteambiente ed. 47  

A única revista sergipana exclusiva na área de arquitetura, decoração e design.

Advertisement