Page 1


2

Foto: Eloisa Lazzarotto


ÍNDICE

Quem somos 04 Missão, Visão, Compromissos 05 Equipe A Rocha Brasil 06 Apresentação 07

Palavras da Equipe Executiva Projetos

08 Projeto Rede de TransformAÇÃO 12

Projeto Igrejas Ecocidadãs

13

Projeto Betari

14 Mais de 2013 17

Desempenho Econômico Financeiro

18

Parceiros, Financiadores e Colaboradores

19

Desafios para 2014

Expediente: Este relatório é uma produção de

A Rocha Brasil. Coordenação: Andrea Ramos Santos | Conteúdo: Andrea Ramos Santos e Raquel Arouca | Revisão de texto: Billy Viveiros Projeto Gráfico: Samuel Felix (BASE) | A Rocha Brasil agradece a colaboração voluntária de cada uma das pessoas citadas acima. Foto da capa: Raquel Arouca 3


Quem Somos

Missão, Visão, Compromissos A Rocha Brasil é uma organização não governamental, ambientalista, brasileira, de inspiração cristã e membro da grande família A Rocha Internacional (ARI). A ARI está presente em 19 países e, há 30 anos, desenvolve trabalhos na área de pesquisa científica,

conservação e educação ambiental. A Rocha Brasil foi organizada no início de 2006 para atuar em pesquisas científicas para a conservação dos ecossistemas brasileiros, em educação ambiental e para desenvolver ações socioambientais junto à comunidade local.

Equipe ARB conhece as belezas do PETAR e da Comunidade da Serra, Iporanga (SP).

OBJETIVOS

NOSSOS COMPROMISSOS

• Sensibilizar, educar e promover capacita-

Os projetos d’A Rocha Brasil são desenvolvidos

ção socioambiental; • Desenvolver

ações

com base em cinco compromissos (valores) que, socioambientais

junto

à comunidade; • Desenvolver projetos de conservação da biodiversidade, baseados na sustentabilidade da comunidade local. MISSÃO Promover o amor ao próximo e à toda criação, a qualidade de vida e a cidadania, por meio de

em inglês, iniciam com a letra “C”. São eles: Cristianismo (Christian): Na base de tudo o que fazemos está a nossa fé bíblica no Deus vivo que criou o mundo e, por amá-lo, confiou-o ao cuidado do ser humano. Conservação (Conservation): Desenvolvemos estudos científicos para a conservação e recuperação do ambiente natural e programas de educa-

projetos de educação, conservação ambiental

ção ambiental.

e desenvolvimento comunitário, com base na

Comunidade (Community): Procuramos desen-

ética cristã.

volver boas relações tanto no seio da família A Ro-

VISÃO

cha como junto às nossas comunidades locais.

Todo ambiente restaurado em todo o território

Transculturalidade (Cross-cultural): Valoriza-

nacional e comunidades vivendo em abundância

mos o saber e a experiência de pessoas de diferen-

de vida, reconhecendo a importância da fé cristã

tes culturas, tanto local como internacionalmente.

no desenvolvimento socioambiental.

Cooperação (Cooperation): Trabalhamos em

INSPIRAÇÃO

conjunto com uma grande variedade de organi-

“A Terra é do Senhor e tudo o que nela há”

zações e indivíduos que partilham da nossa preo-

Salmo 24:1

cupação por um mundo sustentável.

4


EQUIPE A ROCHA BRASIl 2012/2015

Diretoria e Executiva A Rocha Brasil

DIRETORIA

Presidente

Robson de Souza Monteiro Engenheiro Químico (UFMG) Doutorado (UFRJ) Pós-doutorado (Worcester Polytechnic Institute – USA)

Vice-Presidente

Solange Cristina Mazzoni-Viveiros Bióloga (USP) | Doutorado (USP) Pós-doutorado (UNICAMP)

Secretário

Ecóloga (UNESP – Rio Claro) | Especialização em Educação Ambiental (SENAC – RJ)

Coordenadoras de Projetos

Raquel Arouca Bióloga (UFSCar) | Doutorado (ESALQ/USP) | Especialização em Educação Ambiental (SENAC – RJ Carina Abreu Zootécnica (UFRRJ) Mestrado (USP/Ribeirão Preto)

Pr. Timóteo Carriker Doutorado (Fueller Theological Seminary – USA

Administrador de Empresas

Glaucio Leboso Alemparte Abrantes dos Santos

Engenheiro Agrônomo

Gustavo Henrique Rocha Santos Estatístico

Karen Keli Barbosa Abrantes Engenheira Florestal COMITÊ CIENTÍFICO

Gínia César Bontempo

EQUIPE EXECUTIVA

Bióloga– Doutorado e Pós-doutorado (UFV – Viçosa)

Andrea Ramos Santos

Iracema Helena Schoenlei-Crusius

Diretora Executiva

Rodolpho Oliveira Simas – Ad-

Thiago Caio Celante Gomes –Bi-

Anderson Sousa Clementino

Capelão

Bióloga (ESALQ/USP) – Doutoranda (UNICAMP)

Técnica em Contabilidade

1° Tesoureiro

Carlos Gláucio Sabino de Farias Economista | Mestrado em Administração de Empresas

Marcela Firens da Silveira

CONSELHO FISCAL

Andréa Cristina Salema

2° Tesoureiro

Luís Paulo Roque – Engenheiro Florestal (UNESP – Botucatu) com especialização em Administração de Empresas (FGV – São Paulo)

ministrador de Empresas (PUC-São Paulo) e Mestrado em Gestão em Tecnologias Ambientais - USP

Paulo Santiago Publicitário (PUC – Campinas) Especialização em Design Gráfico Hernani Gomes da Cunha Ramos Veterinário (UFPR) Mestrado (UNESP – Jaboticabal)

Bióloga (UNIARARAS) – Doutorado (UNESP – R. Claro)

ólogo (UFPR- Curitiba) – Mestrado em Estudos Ambientais (University of Victoria – CA- USA)

COMITÊ DE COMUNICAÇÃO E TRADUÇÃO Billy Viveiros – Jornalista (Fundação Cásper Líbero – São Paulo)

Paulo Santiago

Publicitário (PUC – Campinas)

Maria Eugênia Barrientos – Engenheira Agrônoma

Sabrina Maria Visigalli Martins do Rosário – Bióloga Juliana Pereira de Sousa Biológa (USP)

5


Quem Somos

APRESENTAÇÃO

Robson Monteiro, no Diálogo sobre Mudanças Climáticas, em 2013. “De onde vem, então, a sabedoria? Em que lugar está a inteligência?... Quando Deus regulou as forças dos ventos e marcou o tamanho do mar; quando decidiu onde a chuva devia cair e por onde a tempestade devia passar; foi então que ele viu a sabedoria, e a examinou, e aprovou. Livro de Jó, capítulo 28, versos 20; 25-27 (NTLH)

É com enorme satisfação que apresento a vocês o Relatório de Sustentabilidade d’A Rocha Brasil (ARB) para o ano de 2013. O nosso já tradicional e esperado relatório anual agora passa a ser um Relatório de Sustentabilidade. Além de refletir as práticas corporativas recentes, esta mudança melhor descreve os nossos objetivos como organização e o impacto que desejamos causar na construção de um mundo mais sustentável. O ano de 2013 foi de comemorações, muitas realizações e crescimento. Iniciamos com a celebração dos 30 anos de presença d’A Rocha no mundo e os 7 anos d’A Rocha no Brasil. Uma nova identidade visual foi criada para A Rocha, a marca de um novo tempo que se inicia. Novas parcerias foram

firmadas e novos projetos foram iniciados. Demos, também, boas-vindas a mais um integrante da equipe executiva. De duas, passamos a ser uma equipe de três pessoas responsáveis por todos os projetos da ARB. Outro fato marcante foi a mudança de nosso escritório nacional de Indaiatuba para São Paulo. São sete anos de existência que não teriam se completado sem a fidelidade de nossos associados e doadores, o fortalecimento das parcerias e a força dos nossos voluntários. A todos vocês, o nosso “Muito Obrigado!” Que este relatório possa despertar em você, leitor, um desejo de unir-se a nós, no chamado e na vocação de cuidar do Jardim, plantado pelo Senhor para a nossa alegria e realização. Boa leitura! Robson S. Monteiro

A Rocha Brasil Presidente 6


palavras DA EQUIPE EXECUTIVA

Equipe no Jardim Botânico de São Paulo. Da esq. para a dir.: Andrea, Carina, Solange, Robson e Raquel Não é nada fácil construir um trabalho socioambiental sério, ético, que cause verdadeira transformação no meio ambiente e na qualidade de vida da comunidade. Este é o nosso desafio e temos caminhado com esperança que é possível semear novas sementes, plantar novas árvores, cultivar o solo e regá-lo, dia após dia, para que os frutos abençoem a todos. Queremos cuidar do Jardim com zelo e responsabilidade na restauração, renovação e conservação. No trabalho de cultivo os resultados não são imediatos. Alguns veremos nos dias seguintes, outros só algum tempo depois. Algumas sementes veremos germinar, crescer, florescer e frutificar. De outras, talvez, jamais veremos os frutos. Mas nossa esperança não se limita em ver os frutos, mas em crer que o trabalho está sendo bem feito, com suor, muitas vezes com dificuldades, porém, sempre com muita alegria, disposição e entrega. São sete anos no Brasil, trinta no mundo, e nosso sonho é que duremos muito mais. Ainda há muito a ser feito e precisamos de mais semeadores, de mais jardineiros. Junte-se a nós!

Em Cristo, nosso Senhor, Andrea, Raquel e Carina. 7


Projetos Manaus/AM

São Luis/MA Duque Bacelar/MA Ibiapina/CE

Belém/PA

Coelho Neto/MA

PROJETO REDE DE TRANSFORMAÇÃO (ReT)

Campinas/SP

Natal/RN

São Paulo/SP

Iporanga/SP

EDUCAÇÃO AMBIENTAL E MOBILIZAÇÃO SOCIAL

Joinville/SC

ReT Norte e Nordeste Pequenos projetos, grandes mudanças!

O Projeto ReT – Rede de TransformAÇÃO tem como objetivo principal fortalecer a liderança cristã para ações socioambientais da igreja através de projetos locais. Se há algum problema específico que precise de cuidado, resgate ou restauração a igreja deve agir. E essa foi a atitude do Pastor Aurimar, da Igreja de Cristo no Brasil (Felipe Camarão, Natal, RN), depois que participou dos encontros do projeto em 2013: ele decidiu construir uma horta orgânica na escola infantil do bairro, o projeto que chamou de “Semeando e Colhendo”.

participamos do VII Encontro de Pesquisa em Educação Ambiental, que aconteceu na UNESP Rio Claro (SP). Em 2013 o desafio foi assessorar e estruturar projetos locais para que os participantes pudessem facilmente colocá-los em prática, projetos estes, que tivessem impactos significativos na comunidade e meio ambiente local. Foi lançado um edital interno e os parceiros e parceiras locais escreveram seus projetos para serem realizados em 2014. Aos parceiros locais foi um grande desafio colocar o projeto no papel, preparar orçamento, cronograma, indicadores, mas eles encararam o desafio com coragem e disposição. Quatro desses projetos serão apoiados pela A Rocha, em 2014, e nós já sonhamos com os resultados que eles trarão às comunidades. Conheça um pouco dos projetos locais e os depoimentos sobre a aprendizagem na preparação

Esse é um dos resultados que temos colhido ao longo desses anos de projeto, além de vermos uma real transformação de mentes e atitudes dos participantes e suas igrejas. Tivemos a oportunidade de apresentar um artigo com parte desses resultados do projeto no III Congresso Nacional de Educação Ambiental (CNEA), em João Pessoa, PB. Você pode acessar o artigo completo em nosso site (acessando o marcador do projeto ReT): www.arocha.org.br. Ainda em 2013 nós também 8

dos mesmos: Lya Patrícia – Ananindeua (PA) “Durante a apresentação de projetos dos outros parceiros(as) percebi a importância de nosso serviço às nossas comunidades, sempre alcançando crianças e adultos com a intenção de transformação de vidas e ambientes para que gerações futuras tenham um mundo melhor. Muito lindo poder fazer parte de um grupo que acredita e faz algo melhor para nosso planeta. Sou grata


A Rocha por acreditar em nós, em nossas pequeníssimas iniciativas nesse “brasilzão“. Esse é o sentimento que trago do encontro, credibilidade por parte do grupo, respeito pelo pequeno trabalho de conscientização da problemática do LIXO na minha região. Obrigada e muito obrigada pela oportunidade de me juntar a esse grupo que tem se fortalecido e principalmente agido em prol do necessitado, com uma visão integral do indivíduo.”

Encontro de Parceiros(as) do ReT, em Fortaleza (CE).

Projeto Socioambiental Transformando Ideias em Ações – Missionária Lya Patrícia, JOCUM Belém, Ananindeua/PA. Netinha – Ibiapina (CE) “Elaborar o projeto não foi uma tarefa muito fácil, porque para mim é sempre muito difícil colocar as ideias no papel. A princípio, pensei em fazer mil e uma coisas, mas de repente, me veio a ideia de ensinar algo que eu já estava fazendo. Pensei que através dessa ideia eu poderia ajudar outras pessoas. Então decidi fazer o projeto baseado no rea-

Reunião diagnóstica para começo de projeto local em São Luis (MA).

proveitamento de material sólido: caixas de leite, garrafas pet, etc... A ideia é que além de retirar as caixas e as garrafas do lixo, ainda podemos ensinar pessoas a ganhar dinheiro com isso. A minha segunda dificuldade foi ter que apresentar esse projeto diante de pessoas desconhecidas (grupo FEPAS). Eu nunca fui muito boa com palavras mas confesso que, quando comecei a falar e percebi o interesse das pessoas pelo que estavam vendo, me senti mais motivada a continuar e percebi que devo levar essa ideia adiante, porque através dela, posso

Reunião diagnóstica para projeto local em São Luis (MA).

contribuir para que outras pessoas sejam despertadas a fazer o mesmo. E além de protegerem o meio ambiente, ainda podem ter uma renda extra.” Reciclagem com geração de renda – Missionária Netinha (CIBUC), Igreja Batista, Ibiapina/CE. Nailza – Manaus (AM) “Elaborar um projeto com enfoque socioambiental foi uma experiência de aprendizagem e descobertas. Esta foi a primeira vez que elaborei um projeto no tema ambiental e também foi a primeira vez que tive poder de decisão de pensar um projeto com a participação das pessoas envol-

Raquel ministra oficina sobre cristianismo e meio ambiente em Manaus (AM).

9


Projetos vidas. Construir esta proposta com as crianças e adolescentes foi um momento muito especial e gratificante. A apresentação foi um grande desafio, mas foi importante mostrar as demandas da minha realidade local e apresentar uma proposta que poderá desencadear um processo educativo muito mais profundo e significativo na comunidade que atuamos com outros projetos.” Projeto educador ambiental curumim – Missionária Nailza, Projeto Happy Hearts, Manaus/AM. Pastora Agostinha – São Luis (MA) “Elaborar o projeto foi um trabalho gratificante, pois tivemos a oportunidade de colocar em prática os conhecimentos teóricos aprendidos ao longo dos anos de caminhada com A Rocha Brasil. Observando o passo a passo de cada etapa de construção do projeto, desde os contatos com a comunidade, identificamos os indicadores sociais com as Instituições de Pesquisa locais e do Brasil, dados que apontam a direção certa a seguir, bem como levantamos os materiais necessários e seus custos. Como não é bom e não devemos andar só, construímos parcerias com profissionais voluntários(as) como Assistente Social e Pedagoga, que vão nos dar suporte na elaboração e aplicação de atividades teóricas e educativas. Quanto à apresentação do projeto aos demais parceiros(as) foi tranquilo. Eu estava bem preparada, pesquisei bastante, estudei o assunto e inclusive já construí um banco de dados para futuras consultas.” Transformando lixo orgânico em adubo – Pastora Agostinha – Comunidade Batista Nacional Kerigma e Instituto Social e Cultural Kerigma, São Luis/MA.

Oficina de Futuro (construção de projeto) junto com a JOCUM em Belém (PA).

Café socioambiental com pastores, em parceria com a CIBUC, em Ibiapina (CE).

Números do ReT-N/NE em 2013 6 cidades visitadas: Manaus, AM; Belém, PA; São Luís, Coelho Neto, MA; Ibiapina, CE; Natal, RN.

244 participantes (986 pessoas alcançadas pelo projeto desde 2009)

60% homens e 40% mulheres 95 igrejas cristãs representadas 6 cafés com pastores realizados: 122 pastores (as) presentes (73 homens e 49 mulheres) 366 kits distribuídos (122 livros "Assim na Terra Como no Céu" e 244 estudos bíblicos “Missão integral e mordomia da criação”)

Desenho do Projeto Lixo vira Bicho – JOCUM Belém (PA).

10

11 parceiros (as) locais capacitados, representando os cinco Estados do projeto no VIII Encontro RENAS.


ReT São Paulo e Joinville (SC) Nova parceria com a Missão Aliança!

Além do Norte e Nordeste, a partir de 2013 o ReT começou a atuar também na grande São Paulo (SP) e Joinville (SC), graças à parceria com a Missão Aliança, que apoia organizações cristãs que trabalham com crianças nessas cidades. Nós celebramos a parceria no dia 24 de junho, em São

Celebração da parceria com a Missão Aliança, na Igreja da Família, em São Paulo (SP).

Paulo, e o projeto começou em setembro. É uma alegria termos firmado essa parceria tão importante para o avanço das ações socioambientais em São Paulo e Joinville (SC). O objetivo do projeto é capacitar a liderança dos projetos parceiros da Missão Aliança para colocar em prática projetos locais socioambientais. O projeto tem previsão de um ano e sua coordenação é responsabilidade da zootecnista Carina Abreu, que contratamos para o projeto. As capacitações

Robson e Bebeto (Diretor Executivo da Missão Aliança) assinam o acordo de parceria em São Paulo (SP).

já começaram e o desafio para 2014 é assessorar a construção e implementação dos projetos locais. Nilson - Joinville/SC “Os conteúdos abordados nas oficinas foram de extrema importância para os trabalhos desempenhados aqui na Missão Morro do Meio, pois o grupo de escoteiros já trabalha as questões de preservação ambiental e agora com esse reforço, para trabalhar esse tema em uma ótica bíblica, será muito melhor.” Nilson V. Weirich, coordenador da Missão Morro do Meio. Joinville, SC Fabiana - Santo André/SP “Foi muito bom saber mais sobre A Rocha! A forma como foi conduzida a oficina fez com que todos participassem, evitando distrações e fadiga. A metodologia adotada é um bom exemplo a ser seguido nos nossos projetos, tendo em vista que outros trabalhos desenvolvidos pela A Rocha Brasil tem dado certo. Nossa expectativa é que as próximas oficinas mantenham esta dinâmica e que possamos melhorar os bairros onde temos projetos.” Fabiana Arruda dos Santos, coordenadora do

Oficina participativa em Joinville (SC).

Números do ReT-SP/SC em 2013 5 oficinas realizadas (Fé Cristã e Meio Ambiente; e Elaboração de Projetos Socioambientais) 44 participantes 23% de crianças e adolescentes 64% mulheres e 36% homens 24 igrejas representadas 80 Materiais distribuídos nas duas oficinas (livro “Jesus e a Terra” e CD com uma coletânea de publicações sobre desenvolvimento de projetos e educação ambiental)

Instituto RENOVO. Santo André, SP 11


Projetos

PROJETO IGREJAS ECOCIDADÃS Ações locais: a mobilização continua!

Capacitação com o MJPoP em São Paulo (SP).

Não podemos deixar de mencionar que também houve capacitação para interessados, em São Paulo e no Rio de Janeiro, sobre a metodologia de Monitoramento Jovem de Políticas Públicas (MJPoP), para os grupos avançarem na participação cidadã em suas cidades. O MJPoP é um projeto apoiado pela Visão Mundial. Para 2014 o desafio é fortalecer as igrejas e pessoas envolvidas, atrair mais pessoas, de diferentes locais do Brasil e organizar as ações local e nacionalmente. 12

Jornal de Campinas publica a ação na praça.

Foto: Eloisa Lazzarotto

Depois da Rio+20 muitas pessoas se agregaram a esse movimento com o objetivo de envolver suas igrejas nas questões ambientais. Montamos um grupo facilitador nacional e fizemos várias reuniões para tentar estruturar o movimento. Em 2013 as cidades de São Paulo (SP) e Campinas (SP) se destacaram. Nessas duas cidades grupos se organizaram para atuar na revitalização de praças públicas no Dia Mundial do Meio Ambiente. As pessoas plantaram, limparam, pintaram, cantaram, para melhorar as praças escolhidas e a qualidade de vida das pessoas que delas usufruem. Foi um mutirão da vida! O grupo em São Paulo também organizou um curso sobre Cristianismo e Ecocidadania, misturando espiritualidade, contato com a terra, e ações práticas de agricultura urbana e compostagem. Foi um final de semana de imersão, reflexão e literalmente “mãos na terra”. Veja o relato completo no site: www.igrejasecocidadas.org.br.

Revitalização da praça em Campinas (SP).


PROJETO BETARI Práticas alternativas e sustentáveis no entorno do Parque Estadual Turístico do Alto Ribeira (PETAR), Bairro da Serra, em Iporanga (SP) Essa iniciativa nasceu de um sonho antigo de agregar num mesmo projeto, conservação da biodiversidade, educação ambiental e desenvolvimento comunitário. Depois de escolhida a área do Vale do Ribeira e o domínio Mata Atlântica, o

Oficina sobre Uso e Conservação da Água com as crianças na Comunidade da Serra, Iporanga (SP).

próximo passo foi buscar parceiros que atuavam nesta região para fazer o projeto acontecer. Em nossa busca encontramos a Igreja Batista de Água Branca (IBAB) que já atuava há mais de 10 anos no Bairro de Serra (Iporanga, SP), e também desejava fortalecer a temática ambiental na comunidade. Esse bairro localiza-se na área de entorno do Parque Estadual Turístico do Alto Ribeira (PETAR) e muitos moradores dependem economicamente do turismo gerado pelo parque, trabalhando como

Reunião devolutiva sobre o Projeto Betari, Comunidade da Serra, Iporanga (SP).

guias ou gerenciando pousadas em suas próprias casas. Com a participação ativa da comunidade do bairro de Serra, iniciamos, em 2012, a construção de um projeto de conservação e desenvolvimento comunitário. Com o propósito de buscarmos financiamento em órgãos de fomento para este projeto, criamos, também em 2012, o Conselho Científico de A Rocha Brasil. Em julho de 2013 realizamos no bairro de Serra uma oficina sobre a temática “Água”, para crianças e adolescentes durante a Ação sociomissionária da IBAB e, também, uma reunião com a comunidade para apresentar a proposta completa do projeto. Na reunião com a comunidade contamos com a presença do Prefeito do município de Iporanga e de seu Vice. Na ocasião, a iniciativa foi batizada como “Projeto Betari”. Em novembro, retornamos ao bairro juntamente com voluntários, diretoria da A Rocha Brasil e com o ilustre botânico inglês, Sir Ghillean Prance. O grupo teve a chance de conhecer o PETAR e suas cavernas, o

Equipe ARB, voluntários, funcionários, diretores e conselheiros visitam a Comunidade da Serra, Iporanga (SP).

bairro de Serra, e de participar da segunda reunião comunitária que A Rocha Brasil organizou com os moradores sobre o Projeto Betari. Desde o início de 2013 temos participado de editais e o desafio para 2014 é levantar o recurso necessário para execução do projeto, que inclui atividades como implementação de um viveiro comunitário, capacitação em turismo, monitoramento da qualidade das águas do Rio Betari, educação ambiental com as crianças e jovens, dentre outras. 13


Mais de 2013

30 ANOS ARI

Encontro Anual, nova marca, caminhadas Ficamos mais velhinhos! A Rocha Internacional (ARI) completou trinta anos em 2013, e foram 30 anos de muita alegria, desafios e grandes aprendizados e resultados. Nós de A Rocha

Brasil completamos sete anos e somos muito gratos por fazer parte dessa família que hoje está em 19 países e tem diferentes projetos nas diversas áreas ambientais. Para comemorar, inovar e avançar reciclamos nossa marca! Agora ela é moderna e contextualizada para cada A Rocha local. Nós adoramos a nossa e esperamos que você tenha gostado também. A imagem dentro da logomarca é dinâmica e podemos muda-la à medida que nosso trabalho muda ou avança. Também preparamos um Encontro Anual especial este ano na cidade de Valinhos (SP) com palestras, oficinas, mesas de diálogo e passeio pela Mata de Santa Genebra na cidade vizinha de Campinas (SP), e organizamos três caminhadas comemorativas aos 30 anos de A Rocha Internacional nos municípios de Campinas e São Paulo (SP) e de Conde, na Paraíba. Parceria com a Rede IBAB Solidária

é sempre uma alegria contribuir com igrejas tão

Há algum tempo a Igreja Batista

atuantes na área social. Mas em 2013 a parceria se

de Água Branca (IBAB) apoia e di-

aprofundou com a capacitação da liderança para

vulga o trabalho de A Rocha. Em

sensibilização e mobilização da igreja local para as

2013 nós entramos oficialmente para a Rede IBAB

questões socioambientais. Em 2014 daremos as-

Solidária, uma rede apoiada pela igreja e seus

sessoria aos articuladores FEPAS para realização

membros que incluem dezenas de organizações e

dos projetos locais e estamos animados para o que

projetos sociais e missionários no Brasil e em ou-

poderá surgir dessa parceria.

tros países. É uma alegria celebrar mais essa parceria com a Rede IBAB! Parceria com FEPAS (Capacitação e assessoria)

Parceria com Mackenzie Simpósio de Ética e Cidadania

A parceria com a Federa-

Em novembro estivemos em Campinas (SP) par-

ção das Entidades e Pro-

ticipando do “V Simpósio Ética e Cidadania da

jetos Assistenciais da CIBI

Universidade Presbiteriana Mackenzie”, campus

(Convenção

Igrejas

Campinas. Este ano o tema discutido pelo Sim-

Batistas Independentes) é

pósio foi “Ética e Meio Ambiente”, com a parti-

antiga. A Rocha Brasil tem participado dos seus

cipação de Marina Silva, do Instituto Marina Silva

eventos de capacitação sempre que é convidada e

(IMAS). Participamos da programação do evento

14

das


Foto oficial do Encontro Anual.

Reunião Beraca e ARB com Ghillean Prance no Instituto de Botânica de São Paulo. Caminhada de 30 anos ARI na Serra da Cantareira, São Paulo (SP).

dades extrativistas. Este evento, organizado pela empresa parceira Beraca, objetiva a aproximação, encontro e diálogo sobre os temas geradores de negócios entre os extrativistas na Amazônia e a empresa. Aproximadamente 50 pessoas participaram do encontro, entre extrativistas, parceiros, ONGs e funcionários. Depois do evento A Rocha

Brasil visitou a COOPEMAFLIMA, uma cooperativa extrativista parceira da Beraca localizada na Ilha de Marajó, PA. O objetivo foi conhecer melhor a realidade e os desafios locais para começar um projeto de fortalecimento dessa comunidade. com a palestra “Ética & Sustentabilidade: do Global ao Pessoal”, proferida pela nossa vice-presidente, Dra. Solange Cristina Mazzoni-Viveiros,

Rock no Vale: Rock+Reino+Sustentabilidade (parceria Jovens da Verdade)

pesquisadora no Instituto de Botânica de São Paulo. Foi um dia de muitas informações e boas conversas. Agradecemos ao Mackenzie Campinas pelo convite. Parceria com BERACA (BERACOM e visita à cooperativa) A parceria com a empresa Beraca acontece desde 2010 e este ano começamos a sonhar juntos a

Equipe JV e ARB em reunião preparatória para o evento em Arujá (SP).

construção de um projeto junto a uma comu-

A ideia de juntar Rock, Reino e Sustentabilidade

nidade extrativista do Pará. A Rocha esteve em

era boa, mas precisava de um ministério de jovens

Belém (PA) para participar do “IV Beracom: Di-

para fazer uma conexão tão bacana e com tanto

álogo Beraca, Lideranças Comunitárias e Parcei-

sucesso. Jovens da Verdade convidaram A Rocha

ros na Amazônia” com a reflexão sobre educação

Brasil para ser parceira deste evento que atraiu

ambiental e incentivos à conservação, e também

centenas de jovens durante três dias em dezem-

para conhecer melhor a realidade das comuni-

bro, em seu acampamento em Arujá, SP. A Rocha 15


Mais de 2013

Brasil apoiou o festival, além de dor escritório em Indaiatuba (SP), mas era hora de organizar os seminários técnicos,

mudar. Nosso sonho era dividir o espaço com ou-

convidando pessoas para minis-

tra organização, isso aumentaria a troca de expe-

trar sobre diferentes temas (Agri-

riências e a possibilidade de parcerias, e também

cultura Urbana, Resíduos Sólidos,

diminuiria nossos custos fixos. Quando a Aliança

Arquitetura Sustentável, Com-

Bíblica Universitária do Brasil (ABUB) concordou

postagem e hortas em apartamen-

em nos alugar uma sala ficamos muito felizes! A

tos). Ministramos, também, um

nossa parceria com a ABUB é longa. Desde que a

seminário sobre como mobilizar

ABU Editora lançou o livro A Rocha – Uma comu-

a igreja para as questões ambien-

nidade evangélica lutando pela conservação do

tais. Também contribuímos com assessoria para a

meio ambiente, em 2001, várias pessoas do Brasil

sustentabilidade do evento, pensando nas melhores formas de reduzir o consumo, na sinalização do local e na sensibilização dos participantes. Mas ainda temos muito a melhorar e oportunidade não vai faltar. Esse foi apenas o primeiro festival, em 2014 tem mais! Novo escritório em

começaram a escrever para Peter Harris e A Rocha Portugal para saber como começar um trabalho semelhante no Brasil. A Rocha colocou essas pessoas em contato e, em 2006, começamos oficialmente por aqui. Por isso também temos vários ABUenses participando ativamente na organização. Além disso, a nossa parceria com ABUB tem acontecido nos treinamentos estudantis, na mis-

parceria com a ABUB

são, em projetos, em parceria com a Rede FALE e

Por quase um ano procuramos um

muito outros. Não poderíamos ter sido abençoa-

novo escritório para A Rocha Bra-

dos com um espaço melhor, com uma organização

sil. Somos muito gratos a Deus pelo

mais parceira que a ABUB. Obrigado, queridos ir-

tempo que ficamos em nosso acolhe-

mãos da ABUB, por nos receberem tão bem.

Números de 2013 – A Rocha Brasil

16

Número de doadores

29

Número de eventos que participou

21

Número de pessoas nos eventos que ministrou

294

Número de pessoas que participaram nos projetos de educação ambiental

368

Número de Igrejas representadas nos projetos

136

Número de Igrejas que receberam palestras ou capacitações

3

Número de artigos publicados

1

Número de funcionários

3

Número de voluntários

49


Desempenho Econômico Financeiro

Receitas Operacionais

despesas Operacionais 0,33% 6,39%

18%

82%

0,08%

14,84% 23,07%

Associados/Doações Venda de Material e outros

Projetos

Projetos e Parcerias

Administração

55,29%

Pessoal Reuniões, eventos e cursos Produção de material Material Permanente

Parecer do Conselho Fiscal – Exercício 2013 O Conselho Fiscal da Associação Cristã de Conservação e Pesquisa do Meio Ambiente A Rocha Brasil, es-

Auditoria Externa – Exercício 2012 Todas as nossas contas são auditadas por empresa externa o que qualifica ainda mais o nosso trabalho. Veja abaixo a conclusão da Auditoria Externa 2012.

teve reunido no dia 11 de janeiro de 2014 na Rua Cunha Gago, 181, apto 102, São Paulo (SP), com o objetivo de analisar os relatórios financeiros e documentações– apresentados pela Equipe Executiva – referente aos meses de Janeiro a Dezembro de 2013. Após examinar a documentação foram solicitados ajustes específicos, os quais constam na Ata Nº 01/2014, que foram devidamente tratados. Dessa forma, o Conselho Fiscal homologa as contas apresentadas e dá seu parecer, favorável à homologação das mesmas, em Assembleia Ordinária da A Rocha Bra-

sil a ser realizada no dia 22 de março de 2014.

COMO DOAR? Através do site (www.educacaoambiental.org.br) é possível efetuar doações para A Rocha utilizando seu cartão de crédito/ débito ou boleto. Seja parte dessa história de transformação e busca pela sustentabilidade da vida! 17


Parceiros, Financiadores e Colaboradores de 2013

Comunidade Batista Nacional Kerigma (São Luís, MA) Escola José Barreto de Araújo (Coelho Neto, MA) Igreja Assembleia de Deus (Manaus, AM) Igreja Assembleia de Deus Bom Retiro (Natal, RN) Igreja Batista de Ibiapina (Ibiapina, CE) Igreja do Nazareno (Natal, RN) Igreja Presbiteriana de Viçosa IPV (MG) Igreja Tenda da Adoração (São Luís, MA) Instituto Marina Silva Pousada São João (Ibiapina, CE) Secretaria Municipal de Agricultura, Pesca, Abastecimento e Meio Ambiente de Coelho Neto (MA)

VOLUNTÁRIOS EM 2013 Agradecimento especial aos voluntários(as) que muito ajudaram a ARB neste ano: Abigail Aquino Ana Luisa Barreiros Andréa Cristina Salema Billy Viveiros Carla Ribeiro

Cristiane Elfes Guilherme Iamarino Gustavo Santos Higor Valin Juliana Pereira

Leandro Fonseca Leonara Almeida Lívia Galeote Maria Eugênia Barrientos Nathalie Wutzki Sabrina Visigalli


Desafios para 2014 Rede de TransformAÇÃO (ReT) Norte e Nordeste e São Paulo e Joinville (SC) • Realização das oficinas de capacitação MJPoP – ReT N/NE, e Oficinas de Futuro – ReT SP/SC; • Apoio e assessoria à implementação dos projetos locais dos parceiros da Missão Aliança – ReT SP/SC; • Apoio e assessoria à implementação de projetos dos parceiros locais do ReT N/NE; • Atuação em Seminários – ReT N/NE; • Encontro com parceiros(as) locais no IX Encontro RENAS (setembro/2014, em Curitiba, PR) – ReT N/NE; • Encontro com parceiros(as) locais no Intercâmbio da Missão Aliança (outubro/2014) – ReT SP/SC; • Finalização dessa primeira fase do ReT e continuidade para 2015. Igrejas Ecocidadãs • Novo projeto e ações para os próximos três anos; • Criação de materiais e ferramentas contextualizados sobre Resíduos Sólidos, Agricultura Urbana, etc; • Mobilização das igrejas. Projeto Betari • Construção e funcionamento do viveiro comunitário; • Captação de recursos para a realização total do projeto; • Consolidação de parcerias. Fortalecimento Organizacional • Ampliação e melhor estruturação da mobilização de recursos; • Contratação de uma pessoa para a parte administrativo-financeira; • Revisão e finalização dos documentos internos (Estatuto, Regimento); • Elaboração de Plano de Comunicação e Marketing; • Elaboração da Política de Voluntariado. 19


Escrit贸rio A Rocha Brasil Avenida Pedro Bueno, 1831 S茫o Paulo (SP) 04342-011 brasil@arocha.org www.arocha.org.br

Relatório de Sustentabilidade 2013  

Material institucional d'A Rocha Brasil sobre suas atividades realizadas no ano de 2013.