Issuu on Google+

ASSOCIAÇÃO DOS AMIGOS DA ESTAÇÃO CIENCIAS CNPJ : 04.573.145/0001-32

(valores expressos em Reais - centavos suprimidos)

BALANÇO PATRIMONIAL

MUTAÇAO DO PATRIMONIO LÍQUIDO

ATIVO CIRCULANTE DISPONÍVEL CAIXA BANCOS C/ MOVIMENTO REC.LIVRE BANCOS C/ MOVIMENTO REC.TERCEIROS APLICAÇÃO FIN.REC TERCEIROS REALIZÁVEIS ADIANTAMENTOS A FORNECEDORES REALIZAVEL A LONGO PRAZO PERMANENTE IMOBILIZADOS ( - ) DEPR ACUMUL TOTAL DO ATIVO

31/12/2007 PASSIVO 367.628 367.134 19.961 230.614 116.559 494 494 -

CIRCULANTE EXIGÍVEIS FORNECEDORES OBRIGACOES TRABALHISTAS OBRIGACOES FISCAIS PROJETOS PREST.CONTAS EXIGIVEL A LONGO PRAZO PATRIMÔNIO LÍQUIDO FUNDOS ESPECIAIS SUPERAVIT/DEFICIT ACUMULADO SUPERÁVIT/DÉFICIT DO EXERCÍCIO

Superavit Acumulado

31/12/2007 348.550 348.550 3.050 6.541 338.959 -

Saldos em 31/12/2006 Doações Recebidas Ajuste Exercicio Anterior Transferencia Resultado do Exercicio Saldos em 31/12/2007

Fundos Especiais

Superavit/ Deficit do Exercicio

-

-

-

19.078 19.078

19.078 19.078

367.628 TOTAL DO PASSIVO

367.628

SUPERÁVIT / DÉFICIT DO EXERCICIO

ORIGENS E APLICAÇOES DE RECURSOS 31/12/2007

RECEITAS DOAÇÕES ANUIDADES ATIVIDADE CULTURAL FINANCEIRAS RECUPERAÇÃO DE DESPESAS

31/12/2007 DESPESAS 36.000 -

PESSOAL OCUPAÇÃO VEICULOS SERVICOS PROF CONTRATADOS IMPOSTOS E TAXAS DESPESAS ADM GERAIS FINANCEIRAS MARKETING CAPT.RECURSOS DESPESAS NAO OPERACIONAIS

31/12/2007

Superavit/Déficit do Exercício Baixa de Imobilizados

19.078

10.655 Total das Origens 5.727 83 86 370 -

19.078

Aquisiçao de Imobilizados Depreciações Bens recebidos em doaçăo Ajustes Exerc Anteriores

-

Total das Aplicaçoes

-

Variaçao no C.C.L.

TOTAL DAS RECEITAS TRANSF DÉFICIT DO EXERCÍCIO TOTAIS

36.000 TOTAL DAS DESPESAS TRANSF SUPERÁVIT DO EXERCÍCIO 36.000 TOTAIS

16.922 19.078 36.000

19.078

Representado por : C.C.L. Inicial C.C.L. Final

19.078 19.078

NOTAS EXPLICATIVAS ÀS DEMONSTRAÇÕES FINANCEIRAS DOS EXERCÍCIOS FINDOS EM 31.12.2007 1-Contexto Operacional: A Assoc. dos Amigos da Estação Ciencias (AAEC), tem por finalidade precípua promover estudos e pesquisas, produzindo e divulgando tecnologias alternativas e conhecimentos técnicos em geral, em especial relacionados à cultura e à educação científica, podendo desde que pautada nos princípios da legalidade, impessoalidade, moralidade, publicidade, economia, e da eficiencia, e sem fazer distinção alguma quanto à raça, cor, gênero, condição social, credo político ou religioso. 2 - Resumo das Principais Práticas Contábeis: 2.1 - Apresentação das Demonsrações Contábeis: As demonstrações contábeis foram preparadas e estão sendo apresentadas com base nos critérios estabelecidos pela Lei 6404/76, que dispõe sobre as sociedades por ações, associados às normas e instituições da C.V.M.

2.2 - As aplicações financeiras são registradas ao custo, acrescido dos rendimentos auferidos até a data do Balanço. 2.3 - Ativo Permanente: é registrado pelo custo de aquisição. A depreciação é é calculada pelo método linear. 2.4 - Provisão para Férias: constituída na proporção dos direitos adquiridos até a data do balanço, incluindo os encargos sociais. 2.5 - As receitas e despesas são apropriadas de acordo com o regime contábil de competência. 2.6 - Os Recursos de Termos de Parcerria e Convênios, bem como suas Aplicações, são controaldos em contas do Passivo em confronto com Prestação de Contas e saldo em conta corrente bancária própria de cada projeto. 2.7 Convenios e Termos de Parceria Recursos Recebidos 2.429.529 Saldo Anterior 2.429.529 Recebimentos 2.192.838 Provisões SubTotal 4.622.367 Aplicação dos Recursos Saldo Anterior Pagamentos Adiantamentos Provisões SubTotal Saldo Disponibilidade

(1.818.848) (2.464.560) 8.214 (4.275.194) 347.173

Total do Patrimonio Liquido 19.078 19.078


BP 2006 -ESTACAO CIENCIAS