Page 1

NATAL-RN | QUARTA-FEIRA, 19 DE ABRIL DE 2017 ANO 01 Nº 40

“Imposto sindical deve ser escolha do trabalhador”, diz empresário Amaro Sales Política, PÁG. 3

Divulgação

Prefeito terá de repor dinheiro do NatalPrev A Primeira Câmara do Tribunal de Contas do Estado (TCE) determinou por unanimidade que a Prefeitura de Natal devolva aos cofres do Natalprev, o fundo de previdência dos servidores municipais, o valor de R$ 15,8 milhões movimentado no início do mês pelo Poder Executivo. O voto do conselheiro Tarcísio Costa, determinando a devolução do valor sacado, foi acom-

panhado pelos demais integrantes da Primeira Câmara, Maria Adélia Sales e Carlos Thompson Fernandes. Conselheiros estabeleceram ainda que, em caso de descumprimento da medida em até 15 dias, o prefeito Carlos Eduardo Alves e a presidente do Natalprev, Adamires França, deverão pagar uma multa diária de R$ 10 mil até que os valores sejam depositados. Política, PÁG. 2 Divulgação

TROCA DE COMANDO

Delegada Sheila Freitas assumirá Segurança do RN Política, PÁG. 3

>> Alex Viana Delações da OAS e da Queiroz Galvão podem envolver o RN Política, PÁG. 2

>> Metrópole RN Luiz Almir e a discordância polêmica do NatalPrev Cidade, PÁG. 4

Aumento das passagens passa a vigorar na segunda Dia a Dia, PÁG. 5

Empresário teme que Lava Jato prejudique reformas Geral, PÁG. 6

>> Comerciando Natal entre as cidades com maior aumento da cesta básica Comercio, PÁG. 5

>> Tempo Extra Dirigentes vão à Câmara para discutir incentivos ao futebol Geral, PÁG. 8

NOVAS REVELAÇÕES Parte sigilosa de lista de Fachin também inclui Henrique Alves

NEÓPOLIS Viaduto não resolve congestionamento em trecho da BR-101

DECISÃO Partida entre ABC e Potiguar de Mossoró vale taça do Estadual

As 25 petições feitas pela Procuradoria-Geral da República que ainda estão em segredo de Justiça incluem mais suspeitas de crimes envolvendo o ex-ministro Henrique Eduardo Alves (PMDB).

Quando foi liberado para tráfego, o viaduto de Neópolis foi muito festejado pela população. No entanto, desde que inaugurado, o viaduto de Neópolis ainda não solucionou o problema dos condutores.

Tranquilo. É assim que o ABC vai entrar em campo na noite desta quarta-feira, 19, para encarar o Potiguar de Mossoró na Arena das Dunas em duelo válido pela segunda partida da final da Copa RN.

Política, PÁG. 3

Dia a Dia, PÁG. 5

Esporte, PÁG. 8


AGORA JORNAL

Política Salão ALEX VIANA

Delações da OAS e da Queiroz Galvão podem envolver o RN

A

s delações da Odebrecht já causaram um estrago tremendo na cúpula da República, com respingos em governos estaduais. Outras delações igualmente de peso, entretanto, poderão ocasionar estrago tão grande quanto este último. Tratam-se das delações de duas gigantes empreiteiras, a OAS e a Queiroz Galvão. Na perspectiva do Rio Grande do Norte, a OAS, responsável pela construção da Arena Das Dunas, e a Queiroz Galvão, que liderou o consórcio responsável por parte das obras de mobilidade de Natal, tiveram ligações com os governos de Rosalba Ciarlini e Carlos Eduardo Alves. No tocante especificamente à Arena das Dunas, já existem inquéritos tramitando no Supremo Tribunal Federal investigando supostas irregularidades do senador José Agripino Maia (DEM).

>> Liderança. Mas nenhum caso chama mais a atenção do que o do ex-ministro Henrique Alves. Citado em nove delações da Lava Jato, o peemedebista também está em destaque nas delações da Odebrecht. Henrique participou de uma reunião que ele próprio teria agendado com um alto executivo da companhia, ao lado do então vice-presidente Michel Temer e do então deputado federal Eduardo Cunha, para solicitar propina de cerca de 40 milhões de dólares de uma obra da Petrobras no exterior. >> Transpetro. Não se pode deixar de registrar, entretanto, que outros políticos potiguares também se encontram sob o fogo cerrado da suspeita: são eles os deputados federais Walter Alves e Felipe Maia, ambos citados na delação do ex-presidente da Transpetro Sérgio Machado. >> Reafirmou. O pleno do Tribunal de Contas confirmou o parecer do relator contrário ao uso de recursos do fundo previdenciário pela prefeitura de Natal, determinando a devolução do dinheiro e o pagamento de multa que atinge, inclusive, o prefeito Carlos Eduardo Alves. O TCE determinou ao prefeito de Natal e à presidente do NatalPrev o prazo de 15 dias para devolver os R$ 15,8 milhões sacados do fundo previdenciário. Caso não haja a devolução, haverá o bloqueio do valor na conta da Prefeitura e uma multa diária, para cada um, de R$ 10 mil. O voto do conselheiro-relator, Tarcísio Costa, foi acompanhado pelo dois outros conselheiros da Primeira Câmara: Carlos Thompson Fernandes e Adélia Sales. Em voto próprio, Thompson fez alguns acréscimos, entre eles o prazo de 15 dias a individualização das multas.

www.agorarn.com.br VISITE NOSSO PORTAL DE NOTÍCIAS A VERDADE TEM PRESSA!

DECISÃO. Medida que partiu dos conselheiros integrantes da Primeira Câmara do TCE foi unânime; prefeito e presidente do NatalPrev pagarão multa se ignorarem

Nobre TCE manda prefeito devolver

alexoviana@uol.com.br

>> Exceção. O ex-governador e ex-senador Geraldo Melo (PMDB) é o único político vivo que passou pelo comando do governo do Rio Grande do Norte que não está citado ou investigado na Lava Jato. Desde os senadores José Agripino e Garibaldi Filho (PMDB), passando por Wilma de Faria e Rosalba Ciarlini, até chegar ao atual, Robinson Faria, todos estão sob investigação ou respondendo a ações.

NATAL, QUARTA-FEIRA, 19 DE ABRIL DE 2017 | 2

>> Obras. Chama a atenção, em tempos de crise, o volume de obras mantido pelo governo do Estado. São mais de 200, segundo o secretário de Infraestrutura, Jader Torres. “Segundo ele mesmo explica à reportagem do Agora Jornal, “apenas no período em que chegamos aqui, concluímos 44 obras e temos 18 andamento – fora os convênios, que também são considerados obras, e deles concluímos 27, além de termos outras 123 em andamento. Só isso dá mais de 200 obras”. >> Saneamento. Outro dado que também chama a atenção é que a Zona Norte de Natal já está com 70,42% do trabalho de implantação de redes de esgotamento sanitário concluído pelo Governo do Estado, através Companhia de Águas e Esgotos do Rio Grande do Norte (Caern). Segundo o governo, a capital terá 100% de cobertura. >> Emendas. A distribuição de recursos para as emendas parlamentares do orçamento impositivo foi tema de reunião nesta quinta-feira,18, na Secretaria municipal de Planejamento (Sempla). O encontro contou com a participação dos 24 vereadores da bancada do governo na Câmara; da secretária de Administração, Adamires França; da secretária de Planejamento, Glenda Dantas; do secretário chefe do Gabinete Civil, Jonny Costa; e do secretário adjunto responsável pela articulação política, Júlio Protásio. O objetivo da reunião foi debater a liberação das emendas parlamentares impositivas, que tem como finalidade reservar recursos para obras e serviços nas comunidades indicadas por cada parlamentar. Na oportunidade, as equipes da secretaria de Planejamento e da secretaria de Administração se comprometeram a realizar um estudo econômico para acertar a liberação dos recursos das emendas de 2017. >> Aumento. A Secretaria de Mobilidade Urbana de Natal (STTU) confirmou a informação de que a nova tarifa que entrará em vigor em Natal a partir de segunda-feira será de R$ 3,35.

R$ 15,8 milhões ao Natalprev Divulgação

Tiago Rebolo e Boni Neto Repórter A Primeira Câmara do Tribunal de Contas do Estado (TCE) determinou por unanimidade, na manhã desta quarta-feira 19, que a Prefeitura de Natal devolva aos cofres do Natalprev, o fundo de previdência dos servidores municipais, o valor de R$ 15,8 milhões movimentado no início do mês pelo Poder Executivo. O voto do conselheiro Tarcísio Costa, determinando a devolução do valor sacado, foi acompanhado pelos demais integrantes da Primeira Câmara, Maria Adélia Sales e Carlos Thompson Fernandes. Os conselheiros estabeleceram ainda que, em caso de descumprimento da medida em um prazo de até 15 dias, o prefeito, Carlos Eduardo Alves (PDT), e a presidente do Natalprev, Adamires França, deverão pagar uma multa diária de R$ 10 mil até que os valores sejam depositados. Além disso, o Tribunal determinou que o valor correspondente à verba sacada seja bloqueado da conta da Prefeitura em caso de novo descumprimento. A corte de contas definiu ainda que o caso deverá ser remetido ao Ministério Público estadual para que o órgão investigue a conduta do prefeito e apure outros indícios de irregularidade na Previdência dos servidores do município de Natal. A representação contra a Prefeitura de Natal pede a apuração de possível cometimento de ato de improbidade administrativa.

Decisão foi tomada pela Primeira Câmara do Tribunal nesta quarta A decisão desta quarta-feira 19 foi tomada durante sessão para analisar o descumprimento pela prefeitura da medida cautelar emitida no dia 7 pelo conselheiro Tarcísio Costa. Na liminar, o relator do caso pediu a suspensão imediata das movimentações de recursos do fundo sob a alegação de que a transferência de verbas prejudicaria a saúde financeira do Natalprev. Todas as ações compõem um processo movido pelo deputado estadual Kelps Lima (SD) no TCE. Apesar da decisão monocrática do Tribunal de Contas, a Prefeitura decidiu efetuar um saque no início deste mês. O prefeito Carlos Eduardo justificou a conduta alegando que as transferências na Previdência foram autorizadas previamente pela Câmara Municipal, e que não caberia ao Tribunal de Contas arbitrar sobre a matéria. Os vereadores aprovaram o Projeto de Lei Complementar 001/2017 no dia 5, que autorizou o Executivo a efetuar o empréstimo no valor de R$ 204 milhões do fundo.

A proposta aprovada pelos vereadores permite que o Executivo retire o valor de um dos fundos do Natalprev (Instituto de Previdência dos Servidores), em parcelas mensais de R$ 15,8 milhões pelo período de um ano. O projeto que foi aprovado no Legislativo prevê que o pagamento do empréstimo aconteça a partir de 2020 e tenha duração de 15 anos. Para garantir que os valores serão realmente repostos aos cofres do Natalprev, a administração municipal indexou ao pagamento os futuros recursos recolhidos com o Fundo de Participação dos Municípios (FPM). Uma emenda aprovada pela Câmara estabeleceu ainda que, em caso de ausência de pagamento, as verbas do Tesouro Municipal poderão ser bloqueadas como garantia de que os R$ 204 milhões tomados de empréstimo voltarão para os cofres do Natalprev. O entendimento do Tribunal de Contas, contudo, reiterada na nova decisão dos conselheiros, é que a conduta é irregular. O projeto, segundo

Norte pelo comportamento coerente e por não ter aceitado interferência das Alves. Era o que eu esperava; tem gente muito boa e honesta em todas as organizações brasileiras, e o TCE do Rio Grande do Norte é uma delas. A gente ainda acredita e confia na Justiça. Isso mostra que eu e meus colegas da oposição estávamos certos, defendo o melhor para Natal porque a prefeitura, com esse projeto de lei do prefeito estava passando vergonha. Eu acredito que ele deve tentar entrar na Justiça para não cumprir essa decisão do conselheiro. No mais, fico tranquilo com a novidade e feliz com a decisão da devolução da

parcela, que espero que aconteça, porque os aposentados natalenses precisam ter seus direitos assegurados”, disse o vereador Sandro Pimentel.

o relator Tarcício Costa, fere os princípios e as normas vigentes sobre o Regime Próprio de Previdência Social (RPPS) de Natal. Dois fundos compõem atualmente o regime de previdência dos servidores públicos de Natal: o Fundo Financeiro de Previdência (Funfipre) e o Fundo Capitalizado de Previdência (Funcapre). Este modelo foi estruturado por meio da Lei Complementar n° 63, de 2005. Naquele momento, foi estipulado que servidores efetivos admitidos até 31 de junho de 2002 seriam segurados pelo Funfipre; já os servidores contratados após esta data ficaram sob o manto social-protetivo do Funcapre. A proposta do prefeito Carlos Eduardo Alves (PDT), aprovada pela Câmara Municipal, prevê um remanejamento dos recursos do Funcapre para o Funfipre, como forma de complementar a folha de pagamentos de inativos contratados pelo Município antes de junho de 2002. A utilização desses recursos, entretanto, segundo análises do Tribunal de Contas, fere o princípio de equilíbrio econômico-financeiro e atuarial, fixados no artigo 40 da Constituição, além de configurar risco de lesão ao erário. “O fundo será descapitalizado de R$ 204 milhões de reais. E não obstante existe previsão de reposição desse valor, não há segurança peremptória de que o déficit advindo do saque não será repassado para as gerações futuras”, registrou o relator na decisão liminar supracitada.

“Parabenizo o TCE por não ter aceitado interferência dos Alves”, afirma Sandro Um dos poucos que se colocou contra o projeto de lei de Carlos Eduardo na Câmara Municipal de Natal, o vereador Sandro Pimentel (PSOL) comemorou a decisão do relator Tarcísio Costa e parabenizou o Tribunal de Contas do RN “por não ter aceitado a interferência dos Alves”. O parlamentar pontuou que a decisão do magistrado corrobora com sua posição na Casa, juntamente com os vereadores Natália Bonavides (PT) e Fernando Lucena (PT). “Sinceramente, esta é a melhor notícia que eu poderia receber hoje. Quero parabenizar o Tribunal de Contas do Estado do Rio Grande do

OUTRO LADO Líder do prefeito na Câmara Municipal, o vereador Ney Lopes Jr. (PSD), por sua vez, se mostrou tranquilo de que a situação, cedo ou tarde, voltará a favorecer Carlos Eduardo. O vereador explicou que, de seu ponto de vista jurídico, o TCE não tem legitimidade para julgar o caso e que isso deveria ser atribuição do Poder Judiciário. “Reitero a posição de qualquer decisão de fazer ou não fazer, do ponto de visto jurí-

dico, deva ser proveniente do Poder Judiciário. O TCE tem legitimidade para analisar contas ou qualquer outra diligência do gênero, mas não isso. Há, inclusive, uma lei que autoriza o prefeito utilizar os fundos da NatalPrev, e que, caso seja entendida que seja irregular, só pode ser impedida pelo Poder Judiciária. O TCE, com todo o respeito a esse órgão de extrema importância para nós, não tem legitimidade para determinar de forma alguma a matéria; sob meu ponto de vista de jurídico, prefeito eventualmente voltará a poder utilizar os recursos da NatalPrev”, opinou Ney Lopes Jr.

w w w . a g o r a r n . c o m . b r Diretor-Geral Alex Viana

Gerente de Marketing Gabriela Binderli

Diretor-Administrativo Edilson Viana

Gerente Comercial Daniel Paiva

Diretora-Financeira Lissandra Viana

Pauta e Reportagem Emmerson Alves

Editores Rodrigo Ferreira, Boni Neto e Tiago Rebolo Repórteres Bianca Pessoa, Kennet Anderson, Aldemir Neto e Allyne Scott

Está na Constituição Brasileira, em seu artigo 5º: É livre a manifestação do pensamento, sendo vedado o anonimato. Textos assinados por colaboradores são de inteira responsabilidade destes, e não deste veículo.

Rua Seridó, N° 747 - Petrópolis, Natal/RN - CEP: 59020-010 | (84) 3027-1690| redacao@agorarn.com.br


Política|

AGORA JORNAL

NATAL, QUARTA-FEIRA, 19 DE ABRIL DE 2017 | 3

NOVAS REVELAÇÕES. Em petições sigilosas que vieram à tona por jornal, procurador-geral da República, Rodrigo Janot, pede ao Supremo sobre casos em Cuba e Angola, além de irregularidades em campanhas, como a de Henrique para o Governo do RN

Parte sigilosa de lista de Fachin também inclui Henrique Alves Boni Neto Repórter As 25 petições feitas pela Procuradoria-Geral da República (PGR) que ainda estão em segredo por decisão do ministro Edson Fachin, do Supremo Tribunal Federal, incluem mais suspeitas de crimes envolvendo nomes de destaque do PT e do PMDB. Na lista, estão o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, o ex-ministro Antonio Palocci, o senador Edison Lobão (PMDB-MA), o ex-presidente da Câmara Eduardo Cunha (PMDB) e o ex-ministro Henrique Eduardo Alves (PMDB), entre outros. O Estado teve acesso com exclusividade às petições, que têm como base as delações de executivos e ex-executivos da Odebrecht, mas tratam de fatos ainda não divulgados. Estes casos permanecem em sigilo porque a procuradoria entende que a sua divulgação pode prejudicar as investigações. Há relatos de pagamentos de vantagens indevidas em nove campanhas eleitorais, num total de R$ 17,43 milhões – parte do valor foi pago em dólar. A atuação de Lula é citada em relação às operações da Odebrecht em Cuba, no Porto de Mariel, e em Angola, em um contrato assinado entre o grupo baiano e a empresa Exergia, de propriedade de Taiguara Rodrigues, sobrinho da primeira mulher do ex-presidente. O contrato previa a prestação de serviços em Angola, entre 2011 e 2014, quando Lula já não era presidente. De acordo com quatro colaboradores, no entanto, esta contratação foi feita para atender a pedido do próprio ex-presidente. Delatores acrescentaram que a empresa Exergia não detinha experiência no ramo de construção e seria constituída por Taiguara só para fazer uso da influência de Lula. As informações e documentos serão encaminhados à Justiça Federal do Paraná, a pedido da PGR, porque fatos semelhantes já eram apurados previamente. Em relação a Antonio Palocci, o pedido é para investigar as afirmações de delatores de que o ex-ministro fez pedido

Ex-ministro foi delatado por executivos da Odebrecht como beneficiário de recursos de caixa 2 para pagamentos a campanhas eleitorais à presidência do Peru e à presidência de El Salvador. Neste último, o valor pago ao marqueteiro João Santana, segundo os relatos, foi de R$ 5,3 milhões para que ele trabalhasse na campanha de Maurício Funes, eleito em 2009. Colaboradores também apontaram o pagamento de US$ 3 milhões para a candidatura de Ollanta Humala à presidência do Peru. Nos dois casos, o repasse teria sido feito por intermédio do Setor de Operações Estruturadas, o chamado “departamento da propina”. Cuba. Outro pedido sob sigilo trata da atuação de agentes públicos para auxiliar a Odebrecht em Cuba. Segundo o ex-presidente e herdeiro do grupo, Marcelo Odebrecht, Lula e Fernando Pimentel, ex-ministro e atual governador de Minas Gerais, atuaram a fim de que fossem viabilizadas as obras da companhia no Porto de Mariel. Neste caso, os relatos e documentos apresentados serão encaminhados ao Superior Tribunal de Justiça (STJ), devido ao possível envolvimento

Coluna do Agora Sheila Freitas é anunciada na Sesed e promete “trabalho e dedicação” Confirmando as expectativas, o governador Robinson Faria (PSD) anunciou a delegada Sheila Freitas como nova secretária estadual de Segurança Pública e Defesa Social. Ela substituirá Caio Bezerra, que deixou o cargo na segunda-feira 17. Sheila será a quarta titular da Sesed do governo Robinson. A crise no setor é sem precedentes. Depois de se reunir com o chefe do Executivo na Governadoria, a nova secretária ressaltou que a solução para o problema é “muito empenho, trabalho e dedicação”. Dados do Observatório da Violência Letal Intencional (Obvio) mostram que, até o domingo 16, foram 726 mortos em todo o estado. O número de roubos também tem sido crescente. Além de Caio, o titular da Delegacia-Geral de Polícia (Degepol), Claiton Pinho, também deixou o Governo.

de um governador, e também à Justiça Federal do Distrito Federal, para a análise da atuação de quem não tem prerrogativa de foro. Belo Monte. Ainda há informações relativas à usina de Belo Monte apresentadas por seis delatores, que serão incluídas nos dois inquéritos previamente existentes no Supremo e envolve integrantes da cúpula do PMDB. As investigações sobre Belo Monte tiveram como marco a delação de executivos da construtora Andrade Gutierrez. Os suspeitos que não detêm prerrogativa de foro são investigados, sobre esse caso, na 13.ª Vara Federal do Paraná, sob responsabilidade do juiz Sérgio Moro. Campanhas. Além das campanhas no exterior, estão sob sigilo informações que a Odebrecht entregou sobre pagamento de valores via caixa 2 em três campanhas no Brasil. Entre os fatos relatados está o pagamento de R$ 2 milhões para o ex-ministro Henrique Eduardo Alves (PMDB) na campanha eleitoral para o governo do Rio Grande do Norte em 2014, na qual, segundo >> Afastamento temporário. A vereadora Wilma de Faria (PTdoB) solicitou oficialmente o afastamento de suas atividades na Câmara Municipal de Natal para dar continuidade ao tratamento de saúde a que vem sendo submetida há alguns meses. Assume, por 30 dias, o suplente da coligação Dickson Nasser Júnior (PSDB). >> Bombou. Em meio à tumultuada sessão de ontem na Câmara dos Deputados, que terminou rejeitando dispositivo de urgência para a votação do projeto de reforma trabalhista na Casa, a deputada Luiza Erundina (PSOL-SP) roubou a cena ao “assumir” a presidência da Mesa Diretora

os delatores, o próprio candidato e o ex-deputado Eduardo Cunha teriam pedido o dinheiro. Na petição, o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, informou que já existe uma investigação prévia sobre o tema na Procuradoria da República do Rio Grande do Norte, e, com base nesse posicionamento, o ministro Fachin autorizou a remessa para o Estado. Outra campanha citada envolve o senador Valdir Raupp (PMDB-RJ), que teria recebido R$ 500 mil na candidatura ao Senado em 2010, de acordo com delatores, corroborando informações apresentadas anteriormente pelo ex-presidente da Transpetro Sérgio Machado em seu acordo de delação premiada. Neste caso, as informações serão incluídas nos autos de dois inquéritos já existentes no Supremo. A terceira campanha sob suspeita é a de Luiz Fernando Teixeira Ferreira, deputado estadual em São Paulo pelo PT, apontado como destinatário de R$ 300 mil na campanha em que foi eleito em 2014. A petição foi enviada ao Tribunal Regional Federal da 3.ª Região. e dar seguimento aos trabalhos. Ao receber o pedido de Rogério Marinho (PSDB-RN) para falar, a socialista disparou: “Passo a palavra para o relator dessa desgraça desse projeto de lei”. O episódio repercutiu nas redes sociais. >> Aumento. Reunião extraordinária do Conselho Municipal de Transporte e Mobilidade da Urbana nesta terça-feira 18 definiu o novo percentual de aumento das tarifas de transporte público em Natal. A nova taxa de reajuste será de 15,52%. Com a definição, a passagem sobe dos atuais R$ 2,90 para R$ 3,35. Os valores devem começar a ser praticados a partir de sexta-feira 21.

>> Encalacrado. Mais uma suspeita paira contra o ex-ministro Henrique Eduardo Alves (PMDB). Desta vez, uma das petições guardadas em sigilo pelo ministro do Supremo Edson Fachin veio à tona. No documento, a Procuradoria-Geral da República pede abertura de inquérito para investigar possível recebimento de R$ 2 milhões via caixa dois de Henrique pela Odebrecht para a campanha ao Governo do RN em 2014. A informação surgiu em delação de executivos no âmbito da Lava Jato. >> Segurança. Em pronunciamento na Assembleia Legislativa nesta terça-feira 18, o deputado estadual Fernando

Mineiro (foto) defendeu que o Governo do Estado instale um gabinete de crise na segurança pública, um movimento com todos os segmentos. “É preciso prioridade para isso, porque a violência está destruindo o tecido social. A sociedade está paralisada”, destacou o petista.


4 | NATAL, QUARTA-FEIRA, 19 DE ABRIL DE 2017

|Grande Natal

Metrópole BONI NETO

RN

redacao@agorarn.com.br

N

Luiz Almir e a discordância polêmica do NatalPrev

ão é segredo que o vereador Luiz Almir (PR) talvez seja um dos políticos mais próximos dos natalenses quando se fala de “ser popular e do povo”. Qualquer um que escutar seu programa de rádio na 96FM - que ajuda bastante nesse aspecto - poderá conferir por si mesmo que o parlamentar não tem a mínima papa na língua quando concede sua opinião sobre determinado assunto (que quase sempre envolve algum tipo de política). Por um lado, isso é ótimo porque mostra a independência e personalidade de alguém que não é “Maria Vai Com As Outras”, mas por outro, pode criar um comodismo de comportamento, especialmente quando se dirige a pessoas específicas. Embora não tenha citado ninguém em particular, Luiz Almir fez discurso inflamado em seu programa de rádio nesta semana quando criticou os opositores ao saque de R$ 204 milhões do NatalPrev pleiteado pelo prefeito Carlos Eduardo Alves (PDT). A situação é que apenas três vereadores se opuseram ao projeto de lei: Fernando Lucena e Natália Bonavides do PT e Sandro Pimentel do PSOL. Na ocasião, Luiz Almir disse: “Daqui a pouco você vai ter que fazer igual no Ministério Público?! Só que no Ministério Público o cara errou… e se você pegar um cara que atira bem? ‘Danar-lhe’ bala nuns ‘cabas’ sem-vergonha daqueles que ficam agredindo os colegas em vez de discutir Natal”. Pegou mal. Muito mal. Os três colegas opositores escreveram nota de repúdio contra Almir por uma suposta incitação à violência. Seja como for, Luiz Almir ficou de se retratar em seu programa. Importante é ter hombridade nestas situações para admitir o erro. O que Natal menos precisa agora é seu Poder Legislativo envolvido em brigas fúteis que ignorem a democracia.

>> Parnamirim. Destaque para a Saúde em Parnamirim nesta semana. Uma parceria entre a prefeitura e a Liga Norte-Riograndense contra o Câncer permitirá a elaboração e implantação de um pólo de diagnóstico precoce e prevenção em oncologia no município. O prefeito Rosano Taveira (PRB) recebeu a visita do superintendente da Liga, Roberto Magno Duarte Sales; Ricardo José Curioso; Renato Cerchi e André Domingos e recomendou ao secretário de Saúde, João Albérico, a criação de uma comissão para junto com os profissionais da Liga discutir de que forma se dará o trabalho. O superintendente da Liga, Roberto Sales, explicou que inicialmente será necessário fazer uma previsão de custo, de pessoal e definir participações da Liga e da prefeitura para posteriormente montar o projeto. >> São Gonçalo do Amarante. A Secretaria Municipal de Habitação de São Gonçalo já começou a transferência dos moradores do Loteamento Padre João, que com a construção do Aeroporto Internacional, ficou localizado na área de segurança e, por conta disso, precisam ser removidos para o Residencial Novo Padre João Maria, empreendimento construído para abrigar as 344 famílias cadastradas. O antigo loteamento não recebeu investimentos nos últimos anos por que será demolido. De acordo com a secretaria, a expectativa é realizar a transferência de 50 famílias por dia. >> São José do Mipibu. Expectativa em São José. A prefeitura municipal realiza na quinta-feira 20, o “Concurso Miss São José de Mipibu 2017”, evento coordenado pela Secretaria Municipal de Cultura, que vai acontecer no espaço de eventos do Centro Social São José, a partir das 19h. O prefeito Arlindo Dantas

(PC do B) e a primeira-dama do município, Socorro Dantas, vão prestigiar o acontecimento social que vai escolher a representante mipibuense para o Concurso Miss Rio Grande do Norte 2017. >> Nísia Floresta. O município de Nísia Floresta já deu início aos trabalhos da elaboração do Plano Plurianual. A primeira etapa aconteceu na última nesta terça-feira 18, no auditório da Secretaria Municipal de Educação. De acordo com informações do blog Nísia Digital, a prefeitura aproveitou o momento para alertar aos cidadãos sobre a importância de participarem também da elaboração do Plano Municipal de Saneamento Básico. Um outro momento para tratar do PPA está marcado para esta quarta-feira 19, no clube de idosos do bairro da Campo de Santana. O Plano Plurianual (PPA) é um plano de médio prazo, que estabelece as diretrizes, objetivos e metas a serem seguidos pelo Governo Federal, Estadual ou Municipal ao longo de um período de quatro anos. >> Ielmo Marinho. Mais de mil e quinhentos pequenos agricultores do município de Ielmo Marinho já estão sendo beneficiados com o corte de terras, preparando suas áreas para os mais diversos plantios. O Programa Corte de Terra é mantido pela prefeitura com um investimento de cerca de 400 mil reais. Ele, na verdade, já era realizado no município e foi mantido pela nova gestão, do prefeito Cássio Cavalcante (PMDB). Ao todo, são vinte tratores contratados por meio de um pregão que estão trabalhando nas terras dos produtores cadastrados no programa. O trabalho tem sido acompanhado de perto por fiscais. Na primeira etapa, são 3 mil horas de trabalho contratadas com a possibilidade de ampliação, caso seja necessário.

AGORA JORNAL

NOVA SECRETÁRIA. Natural de Natal, ela tem 51 anos e ingressou no quadro da Polícia Civil em 2000; ela substitui o também delegado Caio Bezerra, que deixou o Governo na segunda

Robinson anuncia Sheila Freitas como secretária da Segurança

O governador Robinson Faria anunciou na manhã desta quarta-feira (19) a nomeação da delegada Sheila Maria Freitas de Souza Fernandes e Melo como nova secretária de Segurança Pública e Defesa Social do RN. Ela atualmente exerce o cargo de diretora da Delegacia de Polícia da Grande Natal (DPGRAN). Natural de Natal, Sheila Freitas tem 51 anos e ingressou no quadro da Polícia Civil do Rio Grande do Norte no ano de 2000. É bacharel em Direito pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), tem pós-graduação em Políticas e Gestão em Segurança Pública pela Estácio de Sá/FATERN, é docente da Academia de Polícia Civil do RN (Acadepol). Passou pela Delegacia Especial de Furtos e Roubos (Defur), DP Caraúbas, Delegacia Especializada Em Proteção Ao Meio Ambiente (DEPREMA), Delegacia de Polícia de Atendimento ao Turista (DEATUR), 1º DP, 11º DP, Divisão Especializada em Investigação e Combate ao Crime Organizado (DEICOR). O governador destacou o que determinou a escolha. “Dra. Sheila é uma policial respeitada, de atuação destacada e que reúne todos os atributos para conduzir a secretaria de Segurança. Acredito no trabalho dela e estou certo que teremos, em breve, bons resultados”, declarou. O que motivou Sheila a aceitar o convite do governador Robinson Faria foi “o amor pela minha terra. Essa é

Governador anunciou nova titular da Sesed nesta quarta-feira; Sheila é delegada da Polícia Civil uma oportunidade de servir a população”. E ressaltou: “a solução para o problema da segurança é muito empenho, trabalho e dedicação. Vamos modificar os modelos até hoje apresentados, porque precisamos de mudança. É preciso olhar com outra ótica e aprender a fazer muito com pouco. Passamos por uma crise estrutural, financeira, mas não é por isso que vamos deixar que a bandidagem nos vença. Precisamos mobilizar e ir pra cima, para dar um basta nessa situação”.

EXONERAÇÃO Em carta destinada ao governador Robinson Faria, o delegado da Polícia Federal Caio César Marques Bezerra pediu exoneração do cargo de secretário estadual de Segurança Pública e Defesa Social na última segunda-feira. Ele alegou que deixa a pasta por “razões de ordem estritamente particular”. Além dele, o delegado geral da Polícia Civil também pediu para sair. Claiton Pinho ficou à frente da Degepol por nove meses. Caio Bezerra esteve à frente

da Sesed por seis meses, mas antes desse período atuou como secretário adjunto da própria Sesed desde o início da atual gestão estadual. Ele é o terceiro secretário de Segurança a deixar o cargo no governo de Robinson Faria. A primeira secretária foi a delegada de Polícia Civil Kalina Leite, que ficou de janeiro de 2015 a maio de 2016. Depois dela, assumiu a pasta o general Ronaldo Lundgren, que ficou no cargo por pouco mais de 4 meses. Caio Bezerra assumiu em setembro de 2016.

CONSELHO

Maurílio Pinto recomenda que delegada não assuma Secretaria

O ex-delegado da Polícia Civil Maurilio Pinto “Xerife” disse recomendar à delegada Sheila Freitas se abster do cargo da Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social do Estado (Sesed), após aceitar o convite do governador Robinson Faria (PSD) para comandar a pasta. Ele aponta que apesar de sua competência, a delegada não deveria ficar no cargo devido sua hierarquia na polícia. O nome de Sheila Freitas já vinha sendo especulado à nova gestão já há alguns dias após o pedido de exoneração do cargo pelo ex-secretário Caio Bezerra, e também após o pedido de afastamento pelo delegado geral da Polícia Civil, Claiton Pinho. Na manhã dessa quarta maiores expectativas foram tomadas sobre essa possibilidade após Robinson se reunir com a delegada, e ao término da reunião, tal fato foi definido. Apesar disso, o ex-delegado emitiu opiniões sobre o caso, pedindo para Sheila ainda esperar ser promovida a hierarquias maiores dentro da polícia, já que ela não é da classe oficial. “No momento ela pode esperar um pouco

Ex-delegado da Polícia Civil sugeriu que Sheila Freitas, nova titular da Sesed, não assuma cargo mais para ser promovida a classe oficial, que é a última classe de delegados”, diz. Devido ao fato dela ser de um cargo inferior, Maurilio avalia que ela poderá enfrentar bastante dificuldade durante o comando da pasta, pois devido a grandeza da função de secretário, este

requer mais hierarquia. “Que ela é competente e merece, não tenho dúvidas. Mas ela vai encontrar dificuldades exatamente por isso, por causa da hierarquia e disciplina”, afirma. A definição da nova titular na Sesed vem à tona em meio a uma crise de segurança pú-

blica no Rio Grande do Norte. Recordes de violência vem definindo os quatro primeiros meses de 2017. Segundo o Observatório da Violência Letal Intencional do RN (Obvio), mais de 700 homicídios já foram relatados, número nunca registrado na história do Estado.


AGORA JORNAL

Dia a Dia

NATAL, QUARTA-FEIRA, 19 DE ABRIL DE 2017 | 5

www.agorarn.com.br VISITE NOSSO PORTAL DE NOTÍCIAS A VERDADE TEM PRESSA!

NEÓPOLIS. Segundo o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT), problemas ocorrem devido as construções dos demais viadutos na BR-101, que serão levantados em Emaús e nas Avs. Abel Cabral e Maria Lacerda

Viaduto não resolve problema na BR-101, e trânsito é ruim no local Rodrigo Ferreira Repórter

Quando foi liberado para tráfego, o viaduto de Neópolis fora muito festejado pela população. Afinal, a construção da via prometia desafogar o trânsito na região, que sofria com congestionamentos constantes naquela altura devido a aglomerações de veículos que partiam das regiões mais próximas, sobretudo do viaduto de Ponta Negra, que dá acesso à Av. Engenheiro Roberto Freire. No entanto, desde que inaugurado, o viaduto de Neópolis ainda não solucionou o problema dos condutores. Nos horários de pico, principalmente nos períodos compreendidos entre 07h/08h e 17h30/19h30, as aglomerações continuam, as vezes até com uma maior intensidade dos que já ocorriam devido ao desvio feito para uma marginal no sentido Natal/Parnamirim, que acaba fazendo com o tráfego fique lento.

Para o especialista em mobilidade urbana e professor da UFRN, Rubens Ramos, o problema vivido atualmente em Neópolis já era previsto antes mesmo da obra ter sido iniciada. Em suma, ele acredita que a construção do equipamento naquela região era desnecessária e agora, além de continuar com os congestionamentos, acabou com qualquer perspectiva de instalação de novas empresas naquela região. “Foi uma obra desnecessária. O mais sensato a se fazer era reestruturar o túnel da Avenida das Alagoas, que era muito útil. A construção desse viaduto será, no fim das contas, danosa até mesmo para o desenvolvimento imobiliário e comercial daquela região”, disse o professor, complementando em seguida. “Foi criado um obstáculo por lá. Agora não se dá mais para construir um comércio ali. Quem vai colocar uma loja na frente de um túnel? Infelizmente esse viaduto vai minar o desenvolvimento daquela re-

Divulgação

Equipamento parece não ter resolvido problemas no trânsito na região do bairro de Neópolis gião. 300m antes e depois não vai se ter mais nada de novo”, lamentou Rubens. Contatada, a superintendência regional do Departamento Nacional de Infraestrutura e Transportes (DNIT-RN), responsável pela construção do equipamento, disse que os

congestionamentos na região do novo viaduto são temporários e justificáveis. Para o departamento, eles serão solucionados quando as obras dos demais viadutos que estão sendo construídos mais à frente, precisamente nas Av. Abel Cabral e Maria Lacerda, forem

concluídas. “Devido aos veículos que se destinam aos bairros de Neópolis, Pitimbu, Monte Belo, Pirangi e Nova Parnamirim quando tentam acessar o túnel sob à BR-101, esse conflito com o fluxo de veículos que trafega na marginal direita da rodovia

acaba ficando inevitável”, explicou, para logo depois apontar a dor do problema, bem como sua solução. “É importante ressaltar que o trecho em referência se encontra em obras e o disciplinamento do tráfego só será feito a contento quando os demais viadutos estiverem concluídos, assim como a continuidade das vias marginais à BR-101 nos dois sentidos de direção estiverem totalmente executadas”, justificou. “A partir do momento que houver novas opções de trajeto, a tendência é que os usuários da da BR-101 alteram suas viagens para o trajeto mais econômico, mais rápido, mais confortável ou mais perto para ele, acabando com os problemas de congestionamento existentes naquela localidade”, concluiu. Segundo dados fornecidos pelo próprio DNIT, a BR-101 é a principal via de acesso à cidade do Natal com fluxo médio diário de aproximadamente 70.000 veículos.

DEFINIÇÃO

Aumento na tarifa de ônibus será aplicado a partir da próxima segunda-feira em Natal A Secretaria de Mobilidade Urbana de Natal (STTU) confirmou a informação de que a nova tarifa entrará em vigor em Natal após a sanção do prefeito Carlos Eduardo, que será publicada no Diário Oficial do Município da próxima segunda-feira, 24. A informação anterior era de que esse aumento já seria aplicado nesta sexta-feira, dia 21. O valor passará dos atuais R$ 2,90 para R$ 3,35, contabilizando um reajuste de 15,52%. O aumento da tarifa foi aprovado durante uma

reunião extraordinária do colegiado, na última terça-feira, 18. Outros dois valores foram discutidos e colocados em votação, porém, o vencedor foi aprovado por 16 votos dentre os 21 registrados. É considerada, para a aprovação do reajuste, a inflação de 4,01% acumulada nos últimos 12 meses e a projeção salarial que vem sendo clamada pela categoria. A Prefeitura de Natal concedeu o aumento da tarifa solicitando que as empresas que controlam o sistema in-

Comerciando Natal entre as cidades com maior aumento da cesta básica

Dados do Boletim Diário Econômico, publicação do Escritório técnico de Estudos Econômicos do Nordeste (Etene), órgão vinculado ao Banco do Nordeste, que analisa dados do Dieese, apontam que na capital potiguar o consumidor deve dispor de R$ 364,12 para adquirir os 13 itens da cesta básica. Mesmo estando entre as maiores altas registradas nas capitais nordestinas, o montante é abaixo do valor da cesta regional (R$ 371,34). Nos primeiros três meses do ano, o Nordeste mantém o maior crescimento no custo da cesta básica. A variação acumulada no ano (+3,9%) e nos últimos 12 meses também é maior na Região do que nas outras partes do país. Além de Natal, as maiores altas foram registradas em Teresina (+3,9%), Natal (+3,5), Recife (+3,5%), São Luis (+2,8%) e João Pessoa (+2,6%). A única retração ocorrida na Região foi em Maceió (-0,5%).

vistam em 100 novos abrigos para as paradas de ônibus. Também é solicitado que a localização por GPS da frota e os dados da bilhetagem sejam disponibilizados de maneira online. Alegando urgência por desequilíbrio financeiro das empresas e a proximidade da data base, que é 1º de maio, o Sindicato das Empresas de Transportes Rodoviárias de Natal (Seturn) solicitou o aumento da tarifa duas vezes desde o começo do ano, porém, até então não havia sido aprovado pela Prefeitura.

>> Bolsa atleta. Os 44 beneficiados pelo Programa Bolsa Atleta no Rio Grande do Norte foram definidos após a 2ª chamada de inscritos ser divulgada no site da Secretaria de Estado do Esporte e Lazer (SEEL) na última segunda-feira 18. O programa é executado pelo Governo do Estado e foi criado através de Projeto de Lei da deputada Márcia Maia (PSDB). >> Associativismo. Um grupo de pessoas com deficiência de João Câmara está empenhado em garantir um meio de gerar renda de forma sustentável com a produção de vassouras,

Informação foi confirmada pela Secretaria de Mobilidade Urbana; reajuste será de 15,52%

feitas com garrafas pet, e sabão a partir da reutilização de óleo saturado, que iria diretamente para o meio ambiente. Devido à parceria entre Sebrae e a CPFL Renováveis, a Associação Camarense de Apoio aos Portadores de Deficiências (Acapord) deverá escrever um novo capítulo na sua história. A instituição está recebendo o suporte para dimensionar a produção e abrir vagas de trabalho, gerando inserção social para os 149 associados. >> Capacitação. O Senac levará ao município de Parnamirim esta semana sua Unidade Móvel de Moda e

Beleza, que oferecerá cursos gratuitos à população. As capacitações ocorrerão no estacionamento do Centro Administrativo da Prefeitura Municipal de Parnamirim, na Cohabinal. Foram disponibilizados para o município os cursos de Cabeleireiro Assistente, Manicure e Pedicure, Corte de Cabelo: Tendências Atuais e Penteados para Festa. >> Dinheiro no bolso. Servidores estaduais ativos e inativos que ganham acima de R$ 4 mil vão receber uma parcela de R$ 4 mil do salário do mês de março na próxima sexta-feira 21, feriado de Tiradentes. O pagamento

foi anunciado ontem pelo Governo do Estado. A soma do valor depositado para os 22.131 servidores da faixa chega a R$ 88,5 milhões. >> Feijão. Grande vilão do orçamento doméstico no ano passado, o feijão apresentou variação negativa mais relevante na Região Nordeste, entre os 13 itens que compõem a cesta básica. Em março, o preço do grão caiu e está mais barato em quase todas as capitais nordestinas, incluindo Natal. A exceção são as capitais sergipana, Aracaju, e baiana, Salvador. *Colaborou Tiago Rebolo


6 | NATAL, QUARTA-FEIRA, 19 DE ABRIL DE 2017

|Geral

AGORA JORNAL

PREVIDÊNCIA E LEI TRABALHISTA. Entusiasta das reformas nas áreas previdenciária e trabalhista, Eudo Laranjeiras se disse preocupado com possibilidade de adiamento ou desconstrução de propostas devido a investigações de políticos

Empresário teme que desgaste político pela Lava Jato prejudique as reformas Alexandre Lago

Tiago Rebolo Repórter

O empresário Eudo Laranjeiras, presidente da Federação das Empresas de Transporte de Passageiros do Nordeste (Fetronor), manifestou preocupação com a possibilidade de as reformas nas regras de aposentadoria e na legislação trabalhista serem adiadas ou desfiguradas em face dos pedidos de abertura de inquéritos no Supremo Tribunal Federal (STF) contra deputados e senadores. O temor do empresário, que reflete o sentimento do setor produtivo, é que o desgaste político atrapalhe a apreciação dessas duas matérias especialmente. “Se os congressistas pensarem mais na eleição deles e não pensarem no Brasil, vamos entrar em uma roda viva de desemprego muito maior do que a de hoje”, ressalta o empresário. Segundo o dirigente da Fetronor, o país não pode regredir na sensibilidade às mudanças tidas como imprescindíveis ao restabelecimento econômico. “Estávamos começando a despertar para essas questões. Mas se as mudanças não acontecerem, não vai mais se acreditar no Brasil, por falta de regras”, frisa Laranjeiras.

Eudo Laranjeiras, presidente da Federação das Empresas de Transporte de Passageiros do NE (Fetronor), pede sensibilidade dos políticos O presidente da Federação exaltou a necessidade de “modernização” na legislação trabalhista e as propostas apresentadas pelo relator da reforma na Câmara dos Deputados, Rogério Marinho (PSDB). No relatório do tucano, houve a sugestão de mudança em cerca

de uma centena de pontos da Consolidação das Leis do Trabalho (CLT). “Nós temos uma lei que já tem mais de 70 anos. Precisamos nos modernizar”, frisou o empresário. Segundo Laranjeiras, o aspecto que merece maior destaque na proposta de reforma

trabalhista é o que valoriza acordos celebrados entre patrões e empregados. Pelo texto do relatório, os acordos coletivos e individuais poderão ter mais valor do que o previsto na legislação em alguns aspectos. A proposta é motivada pelo alto número de processos em

curso na Justiça trabalhista. O Governo argumenta que muitos acordos efetuados atualmente são questionados e desfeitos posteriormente no âmbito judicial. Para o deputado relator, ao se abrir espaço para que as partes negociem diretamente

condições de trabalho mais adequadas, sem revogar as garantias estabelecidas em lei, o projeto possibilita maior autonomia às entidades sindicais, ao mesmo tempo em que busca conferir maior segurança jurídica às decisões que vierem a ser negociadas. Entre os pontos que poderão ser discutidos a partir do diálogo entre as duas partes, está a formatação de planos de cargos e carreiras e parcelamento das férias anuais. “Por esta proposta, o acertado passa a vigorar. Eu acho isso importante, pois o cidadão não precisa estar mais tão dependente do estado como era anos atrás”, ressalta Eudo Laranjeiras. Sobre o fim da obrigatoriedade do pagamento da contribuição sindical, outro destaque da reforma trabalhista, Laranjeiras acredita que a extinção do chamado “imposto sindical” é importante para estimular uma redução do número de sindicatos no Brasil. Atualmente, há mais de 15 mil entidades deste porte no país. “Existe uma quantidade imensa de sindicatos. Com o fim do imposto sindical, haverá um enxugamento natural. No entanto, aqueles que prestam serviços aos trabalhadores vão continuar”, destaca o empresário.

REFORMA TRABALHISTA

Pagamento do imposto sindical deve ser escolha do trabalhador, defende Amaro

O empresário Amaro Sales, presidente da Federação das Indústrias do Rio Grande do Norte (Fiern), por sua vez, defende um meio termo nesta questão da contribuição sindical – que hoje é obrigatória e descontada na folha de pagamento dos funcionários das empresas. Segundo ele, de fato o sistema atual necessita de mudanças. Porém, não pode haver uma extinção completa do “imposto”. “Nem cortar nem simplesmente aceitar como está. Eu defendo que essa

escolha seja do trabalhador. Ele quem deve avaliar se deve pagar o sindicato”, destaca o empresário. O presidente da Fiern ressalta que a contribuição é importante para a sobrevivência dessas entidades e que sindicatos atuantes colaboram na articulação de interesses não só dos trabalhadores, mas também do setor patronal. “Os sindicatos fortalecem as categorias”, enfatiza Amaro. Ao fazer uma avaliação geral da proposta de reforma trabalhista, Amaro concor-

Agora Cult Reitor da Uni-RN é o mais novo imortal da Academia de Letras potiguar

P

arabéns a Daladier Pessoa Cunha Lima, reitor da Uni-RN. Ele foi escolhido com 29 votos para ser o novo representante da cadeira de número 3 da Academia Norte-Rio-Grandense de Letras, outrora ocupada pelo acadêmico José de Anchieta Ferreira, falecido no último novembro, e pelo patrono Brito Guerra. Além de professor, Daladier também é médico e escritor. Ele nasceu no município de Santa Cruz e chegou a, inclusive, dividir estudos de medicina com Onofre Lopes, médico e primeiro reitor da Universidade Federal do Rio Grande do Norte. Daladier é autor dos livros “Noilde Ramalho” – uma história de amor à educação e “Retratos da Vida”, além de outras publicações. Este último livro reúne diversas crônicas do autor, publicadas entre 2009 e 2014, no jornal Tribuna do Norte, abordando temáticas diversas, com referências e homenagens a pessoas, lugares e histórias. Foi, ainda, o primeiro reitor eleito da UFRN, cargo que exerceu de 1987 a 1991.

da que é preciso fazer uma “modernização do trabalho”, sobretudo pelo fato que, atualmente, as formas de trabalho são diferentes de quando as leis foram elaboradas, há 74 anos. “As leis do trabalho protegiam o trabalhador em uma época em que o Brasil tinha uma mão de obra puramente rural. Hoje, para se ter uma ideia, o prestador de serviços pode desempenhar diversas funções de casa. Neste sentido, a proposta de reforma representa um avanço”, conclui Amaro. >> Teatro. O ator Miguel Falabella retorna a Natal em 12 de maio para apresentar seu espetáculo “God”, encenado no Teatro Riachuelo. A comédia, adaptada de um musical da Broadway, mostra um Deus cansado dos Dez Mandamentos e de toda a incerteza que eles vêm gerando à humanidade. Sendo assim, o criador toma forma através de Miguel Falabella para propor novas leis e esclarecer qualquer mal-entendido a seu respeito.

Presidente da Federação das Indústrias do Rio Grande do Norte, Amaro Sales comentou reforma trabalhista

>> Sinfonia. A Orquestra de Câmara da UFRN apresenta no próximo dia 27 de abril o concerto “jovens solistas” que abrirá a temporada 2017 de concertos oficiais. O evento acontece às 20h, no auditório Onofre Lopes da Escola de Música da UFRN (EMUFRN). O grupo têm como objetivo apresentar as mais diversas formações orquestrais, e toda a diversidade do repertório sinfônico que remonta do período Barroco até os dias de hoje. A entrada é gratuita. >> Festança. Para os amantes do pagode nostálgico dos anos 1990 de Só Pra Contrariar, Exaltasamba, Raça Negra, Soweto e Molejo, o Centro de Convenções prepara um espetáculo

bastante animado com o bloco carioca “Fica Comigo”, que vai tocar todas as músicas que animaram os admiradores do gênero. O evento acontece no dia 6 de maio a partir das 22h e os ingressos já podem ser adquiridos através do site Bilheteria Digital e no aplicativo Sem Hora. >> Tributo. Nesta quinta-feira 20, véspera de feriado, o Whiskritorio promete em sua noite muito rock nacional. Vai rolar um tributo ao inesquecível grupo Legião Urbana com a galera da Rota 101, além de André Rangell tocando Nando Reis, Capital Inicial, O Rappa & Cássia Eller e Salada Sonora mandando muito Titãs & Paralamas do Sucesso. A animação

começa a partir das 20h e os ingressos variam de de R$ 15 a R$ 20. >> Cinema. Ainda em exibição nos melhores cinemas de Natal: A Bela e a Fera. O filme, que estreou no mês passado e já deve se encaminhar para suas últimas semanas de exibição, é uma adaptação em live-action do clássico homônimo da Walt Disney Pictures, que na época de seu lançamento foi a primeira animação da história a ser indicada ao Oscar de Melhor Filme. No elenco, Emma Watson, Ian McKellen, Luke Evans, Gugu Mbatha-Raw, Dan Stevens, Ewan McGregor, Stanley Tucci, Sonoya Mizuno e Emma Thompson. *Colaborou Boni Neto


Social

AGORA JORNAL

NATAL, QUARTA-FEIRA, 19 DE ABRIL DE 2017 | 7

Liege Barbalho

Social

liegebarbalho@uol.com.br

Posse na CMN

Dickson Nasser Júnior, assumiu hoje pela manhã a cadeira da vereadora e ex-governadora do RN, Wilma Maria de Faria. A sessão de posse aconteceu às 09h30, no gabinete do presidente da Casa, Raniere Barbosa. Por motivo de saúde, a titular requereu afastamento por 30 dias. Nasser Júnior, obteve no último pleito, 3.662 votos, ficando na primeira suplência da coligação PSDB/PTdoB. O parlamentar é presidente municipal do PSDB, e retorna a Câmara Municipal do Natal, pela segunda vez.

Força tarefa

Sempre elegante o advogado Rilke Barth em pose com Andreza Saraiva

A presidente do Supremo Tribunal Federal, ministra Carmen Lúcia, determinou a criação de um “grupo de assessoria especializada” para reforçar a equipe do gabinete do ministro Edson Fachin, relator da Lava-Jato. O anúncio foi feito logo após o feriado da Semana Santa. *** A força tarefa tem como objetivo dar celeridade e prioridade aos processos da Lava-Jato — que já somam 113 inquéritos e cinco ações penais no tribunal. Os integrantes da equipe ainda não estão definidos, mas devem ser incluídos juízes e assessores do STF, especializados em processos penais.

Eleição já!

A primeira-ministra britânica, Theresa May, pediu ontem a realização de uma eleição antecipada para 8 de junho, pleito que só ocorreria em 2020. Ela afirma que o governo tem um plano correto para negociar os termos da saída do Reino Unido da União Européia. “Precisamos de uma eleição geral e precisamos agora”, disse a primeira ministra, que depende da aprovação do Parlamento para fazer essa convocação. A reposta do parlamento britânico será conhecida hoje após reunião em Londres.

Toda estilosa a blogueira Lilian Pacheco c licada pelo fotógrafo Abraão Gomes

Casal da Metro Quadrado, Carla e Cantidio Neto, em acontecimento social

Jazz Day

Apresentação imperdível para os amantes do jazz. Natal sediará, no final deste mês, o “International Jazz Day”. Com realização no estacionamento externo do Natal Shopping, o evento terá como atração a SESI BIG BAND, e convidado especial, o cantor ED Motta, dono de uma das vozes mais versáteis do Brasil. *** Com entrada gratuita, o International Jazz Day será realizado simultaneamente em mais de 185 países, Natal será a única cidade do Nordeste que contará com o show. O espetáculo tem o objetivo de mostrar a relevância deste gênero musical no planeta, além da sua contribuição na promoção de diferentes culturas e povos ao longo da história.

Esta colunista com os jornalistas Rodrigo Loureiro, Vitor Pimentel e Ulysses Freire em noite de celebração

Os cumprimentos da coluna para o vereador Dickson Nasser Júnior, que assumiu hoje como suplente na CMN

Aniversários

Parabéns para o deputado estadual Albert Dickson pelo seu aniversário ontem. Hoje os vivas da coluna vão para a executiva Regina Piva, a cabeleireira Vanuza Melo e Pedro Paulo Montenegro.

Terras lusitanas

O Exame Nacional de Ensino Médio, a partir de 2014, passou a valer nas terras lusitanas, somando um total de 22 intuições de ensino. Agora no mês de abril, mais três universidades de Portugal passaram a aceitar a nota do ENEM como forma de ingresso para brasileiros: a Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias e os institutos politécnicos de Bragança e Setúbal. Uma boa oportunidade para o estudante, já que foi extinto o programa Ciência sem Fronteiras.

Diabetes Talento em dose dupla dos cabeleireiros Ana Maria Melo e Edmilson Alves

No Brasil, o número de pessoas diagnosticadas com diabetes cresceu 61,8% nos últimos 10 anos. É o que apresenta uma pesquisa realizada pela Vigilância de Fatores de Risco e Proteção para Doenças Crônicas por Inquérito Telefônico, divulgada pelo Ministério da Saúde. *** De acordo com o estudo, o público feminino registra uma expressiva soma nos diagnósticos da doença. A Cidade Maravilhosa é a capital brasileira com maior prevalência, seguida por Natal e Belo Horizonte. Outro fator de risco é que, um em cada cinco brasileiros está obeso. Isso corresponde a mais da metade da população do país.


8 | NATAL, QUARTA-FEIRA, 19 DE ABRIL DE 2017

Tempo Rodrigo Ferreira

| Esporte

Extra

rodrigo@agorarn.com.br

Dirigentes vão à Câmara para discutir incentivos ao futebol de Natal

O

presidente da Câmara Municipal de Natal, vereador Raniere Barbosa (PDT), recebeu dirigentes dos times de futebol de Natal para discutir sobre um projeto que visa a isenção fiscal dos clubes, além de outros assuntos relacionados ao esporte da cidade. “Através da nossa Procuradoria Geral iremos, em um segundo momento, nos reunir com a secretaria de tributação a fim de reaver a revogação da lei federal de incentivo ao esporte, que isenta os clubes de futebol a pagar os incentivos fiscais. São valores altos e não queremos falir o esporte municipal. Sendo assim, a Câmara irá apoiar e buscar saber se os critérios são procedentes, ajudando a manter o futebol e viabilizá-lo economicamente”, disse Raniere. Sancionada em dezembro de 2006, a Lei nº 11.438/06 é um importante instrumento para o setor. Basicamente, ela estimula pessoas e empresas a patrocinar e fazer doações para projetos esportivos e paradesportivos em troca de incentivos fiscais.

>> Saindo. O atacante Daniel Morais, que se destacou no América na reta final do segundo turno do Campeonato Potiguar, não deve permanecer na equipe para disputar a Série D do Campeonato Brasileiro. O empresário do jogador não quer vê-lo jogando a quarta divisão do país e está buscando um novo clube para o atleta. Se confirmada sua saída, será uma perda importante para o treinador Leandro Campos. O goleiro Vinícius Barriviera também deixou o clube, assim como o volante Memo. >> Reforços. A diretoria do ABC confirmou que já existem cinco atletas contratados para reforçar o time na Série

B do Brasileirão, entretanto, os dirigentes têm procurado não revelar os nomes e as posições para não acontecer qualquer ‘ciumeira’ no elenco. Todavia, sabe-se que já está contratado o lateral-esquerdo Eltinho, ex-Flamengo. Agora, surge a informação de que o lateral-direito Bocão e o meio-campista Zotti, que estavam no Botafogo-SP, também podem ser anunciados. A diretoria não confirmou, ainda, estes dois últimos nomes. >> Disputa. A classificação de artilharia do Campeonato Potiguar está empatada entre Gegê e Léo Bahia, com 8 gols. Nando vem em seguida, com sete tentos. Quem vencerá?

AGORA JORNAL

DECISÃO! ABC e Potiguar medem forças na noite desta quarta-feira, 19, em busca do título da Copa Rio Grande do Norte; primeiro jogo foi 4x0 para o Alvinegro

VALE TAÇA! Rodrigo Ferreira Repórter

Tranquilo. É assim que o ABC vai entrar em campo na noite desta quarta-feira, 19, para encarar o Potiguar de Mossoró na Arena das Dunas em duelo válido pela segunda partida da final da Copa Rio Grande do Norte, o segundo turno do Campeonato Potiguar. Depois de aplicar 4 a 0 no primeiro jogo, disputado no último domingo, 16, o Alvinegro pode perder até pelo mesmo placar que ainda assim estará garantido na final geral do torneio contra o Globo, agendada para se iniciar neste fim de semana. Para este jogo, a equipe de Ponta Negra terá alguns desfalques, como por exemplo o zagueiro Cleiton Potiguar e o lateral-esquerdo Romano, vetados pelo Departamento Médico em razão de pequenas lesões sentidas no segundo tempo do jogo do último domingo. Em seus lugares deve entrar Tiago Sala e Luiz Felipe, respectivamente. Pelo menos foram eles os escolhidos naquela ocasião pelo treinador Geninho. O comandante abecedista, inclusive, lamentou os problemas que terá para montar a equipe neste jogo. Ele admitiu que esperava contar com todo

o elenco, muito embora exista uma grande vantagem construída. “Infelizmente, aquilo que temíamos se concretizou. O Cleiton e o Romano, que saíram do jogo passado lesionados, ainda não estão recuperados e estão fora do jogo. São dois jogadores importantes, mas trabalhamos nesta terça-feira para buscar os substitutos, acertar os detalhes e vamos com o que temos de melhor”, contou. Quem também vai ficar de fora do jogo desta quarta-feira diante dos mossoroenses será o goleiro Edson. Ele, que se envolveu em uma confusão com torcedores alvirrubros no primeiro tempo do jogo passado e em seguida discutiu com o técnico Geninho, acabou sendo barrado pelo treinador como forma de punição. Na coletiva depois daquele jogo, o comandante já havia demonstrado sua insatisfação com a atitude do camisa 1. Desta maneira, Júnior Beliatto defenderá a meta alvinegra e terá a missão de não tomar gols na Arena. “Conversei com o Edson

e ele reconheceu que errou. Primeiro que ele não deveria brigar com torcedor porque se o juiz visse isso poderia ter expulsado ele de campo, aí ele teria que cumprir a automática, poderia ser julgado e apenado. O segundo ponto foi a reação que ele teve em relação à comissão técnica. Não pode acontecer. Foi uma punição que achei que deveria colocar no jogador de imediato, para que servisse de exemplo, para que nenhum outro caso semelhante a esse acontecesse”, frisou Geninho. Sobre o jogo, o treinador lembrou que ainda não existe nada definido. “Conquistamos uma boa vantagem no primeiro jogo, mas ainda temos um segundo duelo e não podemos entrar relaxados, pois podemos ser surpreendidos. O Potiguar tem um bom time e pode muito bem fazer um, depois outro e complicar a partida. Por isso, venho conversando com o grupo que precisamos entrar focados e espero um bom resultado para confirmarmos o nosso título”, complementou Geninho.

Do lado do Potiguar, o treinador Pedrinho Albuquerque trata como ‘milagre’ uma possível remontada alvirrubra na final. Os atletas também não pensam diferente. Para o volante Sidney, o resultado da 1ª partida de fato não estava nos planos do Time Macho, mas ele lembrou que, caso o título não seja mais possível, ainda há um outro objetivo a ser conquistado. “Aquele resultado não era o que esperávamos. Precisamos assimilar esse resultado negativo, mas sabemos que é um jogo de 180 minutos. Temos que levantar a cabeça e ir em busca da vitória. Até porque uma vitória no segundo jogo garantirá a nossa equipe na Copa do Brasil e na Série D da próxima temporada. Então temos que acreditar, porque é possível vencer. Temos condições”, disse. Quem também lembrou das vagas na Copa do Brasil e Série D do ano que vem foi o atacante Hugo. Para manter a equipe motivada, ele se apega a essas possibilidades, que carecem apenas de uma vitória simples. “Será um jogo difícil, mesmo com o ABC tendo conquistado uma vantagem, mas precisamos vencer para colocar o Potiguar em competições importantes como a Copa do Brasil e Série D”, declarou.

AGORA JORNAL - EDIÇÃO 40  

Versão Flip

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you