Page 1


“Uma nação ao mesmo tempo imensa e minúscula, obra prima de arte e de gosto, síntese do portugal arquitetural e folclórico”

Pierre Goemaere


Portugal dos pequenitos

Índice

Introdução

7

Contexto histórico

8

Conceito

9

Composição

10

Forma e Signos

19

Cor

20

Tipografia

22

Grelha de Construção

23

Comportamentos

24

Aplicações

25

Bibliografia

30

5


Portugal dos pequenitos

Introdução

Este manual de normas gráficas para o parque temático pretende criar coerência na aplicação do projecto de identidade visual. Ele inclui directrizes para o uso da marca, tipografia e cores, e como deve ser aplicada em todas as comunicações visuais produzidas para o parque. Esta publicação descreve guias que podem ser aplicadas em diversas aplicações. Pretende-se desta forma reforçar a relação entre a identidade e o conceito, mostrando uma identidade flexível e evidenciando o seu potencial generativo.

Palavras Chave

Portugal; séculos XIX,XX,XXI; estilos arquitectónicos; escala; identidade; descoberta; multicultural; diversidade; lúdico e pedagógico.

7


Portugal dos pequenitos

Conceito

A identidade gráfica concebida para identificar o parque temático Portugal dos Pequenitos pretende ser uma marca de fácil identificação e reconhecida por todos. Deve ser capaz de integrar o passado com o presente e identificar um espaço

“Uma nação ao mesmo tempo imensa e minúscula, obra-prima de arte e de gosto, síntese do Portugal arquitectural e folclórico.” Pierre Goemaere

lúdico e pedagógico, multicultural e diversificado. Para responder a estas características trabalhei sobre o que define a história de Portugal e mais especificamente a história do parque, como identifica-lo e o que o distingue dos outros parques temáticos. O parque que foi construído em três fases, tem presentes elementos arquitectónicos e culturais que ao longo do tempo deixaram um contributo importante e deram forma à história de Portugal. A identidade de um espaço tem como base a síntese dos elementos arquitectónicos. Foi feito um levantamento fotográfico e seleccionados elementos, pormenores mais característicos da arquitectura dos vários edifícios presentes no parque. Segundo esses elementos foram construídos padrões utilizando figuras geométricas. Utilizando essas formas são geradas diferentes composições tendo como base a forma da letra P. A escolha de cinco cores base na construção da identidade têm em consideração os cinco temas explorados pelo arquitecto Cassiano branco: países de expressão Portuguesa, Portugal Além-Mar, Portugal Monumental, Portugal Metropolitano e Coimbra. Espaço constituído por miniaturas que formam um país de grande dimensão. Desta forma podemos definir Portugal como uma combinação de culturas vivas, culturas diversas e influências constantes.

9


Portugal dos pequenitos

IDENTIDADE GRÁFICA

Contexto histórico

Fundado pelo Professor Bissaya-barreto e projectado pelo arquitecto Cassiano Branco. Portugal dos pequenitos foi inaugurado dia 8 de Junho de 1940 em Coimbra. Apresentando construções numa escala reduzida que representam monumentos e outros elementos sobre a arquitectura e a História de Portugal . É considerado como sendo Umas das últimas obras do Estado Novo.

Bissaya Barreto nasceu a 29 de Outubro de 1886 em Lisboa, foi um professor de Medicina da Universidade de Coimbra e político.

Estudos elaborados por Cassiano Branco. para a construção do parque temático Portugal dos pequenitos.

Cassiano Branco. Arquiteto modernista português nascido em 1898. Formou-se na Escola Nacional de Belas-Artes de Lisboa em 1926 e tornou-se um dos nomes mais marcantes da arquitetura nacional das décadas de 30 e 40.

Bissaya projectou-o com o intuito de ser uma casa da criança, onde estão podiam brincar e aprender sendo depois adaptada aquando das comemorações da grande exposição Mundo Português, tornando-se num parque lúdico e pedagógico. Este projecto prolongou-se no tempo e compreendeu três fases de construção. Cassiano Branco dá por terminado o Portugal dos Pequenitos em 1961.

10

11


IDENTIDADE GRÁFICA

FORMAs GrÁficas E COMPOSIÇÃO

As formas gráficas utilizadas para a composição deste projecto de identidade gráfica foram retiradas de elementos arquitectónicos presentes no parque temático Portugal dos Pequenitos. Segundo o levantamento gráfico feito através da recolha de imagens, foi possível recolher pormenores gráficos e simplificar formas. Foram seleccionadas as formas geométricas mais visíveis e características. A partir destas formas é possível construir diferentes variações de padrão e tramas, sendo estas variações flexíveis na composição e cor. Pretende-se criar uma linguagem gráfica diversificada, variável e com diferentes aplicações onde a ideia principal da proposta é a diversidade, jogos para crianças, variedade, pluralidade e muitas cores divertidas.

12


IDENTIDADE GRÁFICA

Padrão

As formas geometricas escolhidas para a composição dos elementos presentes na identidade gráfica, são formas simplificadas de elementos da arquitectura presentes no parque temático. O círculo, o triângulo, o quadrado, o pentágono e o hexágono são os elementos utilizados como base.

18


Portugal dos pequenitos

IDENTIDADE GRÁFICA

Grelha de construção

Elementos

Para a construção do logótipo foi construída uma grelha, onde são representadas as medidas correctas a seguir na construção e composição da identidade gráfica. A forma do “P” deve ser preenchida com variações dos elementos gráficos anteriores.

São nove os elementos selecionados. O círculo, o triângulo, o quadrado, o rectângulo e o hexágono são os elementos utilizados como base. A estrela, a cruz e as setas são mais quatro elementos que vão fazer parte da trama.

X

20

X

21


Portugal dos pequenitos

IDENTIDADE GRÁFICA

Sistema Cromático da identidade

COR

RGB R 227 G 6 B 19

RGB R 227 G 204 B 0

RGB R 149 G 193 B 31

RGB R 78 G 94 B 170

RGB R 43 G 184 B 201

RGB R 128 G 56 B 141

22

Quadricomia

Cores Directas

C 0 M 100 Y 100 K 0

PANTONE 343

Quadricomia

Cores Directas

C 0 M 18 Y 100 K 0

PANTONE 7406

Quadricomia

Cores Directas

C 50 M 0 Y 100 K 0

PANTONE 376

Quadricomia

Cores Directas

C M Y K

79 70 0 0

Cores Directas

C 70 M 0 Y 23 K 0

PANTONE 7466

Quadricomia

Cores Directas

61 89 0 0

O sistema cromático da identidade resulta na combinações de seis cores.

PANTONE 376

Quadricomia

C M Y K

A identidade é criada com base em seis cores o amarelo, vermelho, roxo, verde e azul. São aqui indicadas as cores directas para a sua criação, assim como os valores correspondentes em RGB e quadricromia.

PANTONE 2593

23


Portugal dos pequenitos

IDENTIDADE GRÁFICA

Comportamento Cromático

Comportamentos do logótipo a uma cor

Em caso de impressão a uma só cor, em positivo ou negativo a identidade deve ter em conta o modelo aqui apresentado.

24

Aquando da utlização sobre fundos fotográficos, deverá ter-se em atenção que estes permitam a manutenção da legibilidade do logótipo, quer a positivo quer a negativo.

25


Portugal dos pequenitos

IDENTIDADE GRÁFICA

Escala

TIPOGRAFIA

O logótipo só poderá ser reduzido até uma dimensão que não implique a perda total ou parcial da sua identificação visual.

Stella Regular

abcdefghijklmnopqrstuvwxyz ABCDEFGHIJKLMNOPQRSTUVWXY 0123456789!@#$%t&*()

Desenhada pelo designer português Mário Feliciano. Stella é uma fonte sem serifa projectada para o uso de texto. Especialmente indicada para tamanhos pequenos.

Lorem ipsum dolor sit amet, consectetuer adipiscing elit. Phasellus aliquet luctus lectus. Praesent dictum eleifend erat. Aliquam suscipit egestas erat. Nunc blandit tellus in enim aliquam malesuada. Curabitur in metus. Phasellus tempor libero id mauris. Italic

abcdefghijklmnopqrstuvwxyz ABCDEFGHIJKLMNOPQRSTUVWXY 0123456789!@#$%t&*() Lorem ipsum dolor sit amet, consectetuer adipiscing elit. Phasellus aliquet luctus lectus. Praesent dictum eleifend erat. Aliquam suscipit egestas erat. Nunc blandit tellus in enim aliquam malesuada. Curabitur in metus. Phasellus tempor libero id mauris. Bold

abcdefghijklmnopqrstuvwxyz ABCDEFGHIJKLMNOPQRSTUVWXY 0123456789!@#$%t&*() Lorem ipsum dolor sit amet, consectetuer adipiscing elit. Phasellus aliquet luctus lectus. Praesent dictum eleifend erat. Aliquam suscipit egestas erat. Nunc blandit tellus in enim aliquam malesuada. Curabitur in metus. Phasellus tempor libero id mauris.

26

27


IDENTIDADE GRÁFICA

Identidade GENERATIVa

A abordagem generativa deste projecto está presente na primeira fase do mesmo, a identidade é formada por diferentes figuras geométricas que formam a letra “p” e a preenchem com diferentes tramas. Na segunda fase do projecto, a identidade é implementada numa linguagem de programação “ processing” através de um código-fonte. As vantagens na utilização de uma linguagem de programação para conceber a identidade visual, resulta numa flexibilidade de gerar diferentes imagens e padrões de forma mais rápida e com maior rigor.

28

A identidade é implemen- tada numa linguagem de programação “ processing” através de um código-fonte.


Bibliografia Rand, P. (1993). Design, Form and Caos. New Haven: Yale University Press. Gil, J. (2004). Portugal, Hoje: O Medo de Existir. Lisboa: Relógio d’Água. Bohnacker, H., GroSS, B., Laub, J., Lazzeroni, C. (ed.). (2010). Generative Casey, R., &, C. (2010). Form + Code in Design, Art, and Architecture. New York: Princeton Architectural Press. Gestaltung: Entwerfen, Programmieren, Visualisieren mit Processing. Verlag Hermann Schmidt Mainz. Felsing, U., Design2context (ed.). (2009). Dynamic Identities in Cultural and Public Context. Baden: Lars Müller Publishers. Left, Right, Up, Down - New Directions in Signage and Wayfinding. (2010). Berlin: Gestalten. Mollerup, P. (1997). Marks of excellence: The history and taxonomy of Trademarks. London: Phaidon. Perec, G. (1997). Species of Spaces and Other Pieces (J. Sturrock, Trans.). London: Penguin Reas, C., Fry, B. (2007). Processing: A Programming Handbook for Visual Designers and Artists. MIT Press. Wong, wucius. (1993). Principles of Form and Design. New Haven: John wiley & Sons, inc.

WEb sites www.abandonedart.org www.behance.net/gallery/ZIP-modular-rugs-inspired-by-origami-

Ficha técnica

www.behance.net/gallery/Queen-Rania-Foundation-identity/794234 artworks/1482633 www.designobserver.com www.eyemagazine.com www.formandcode.com www.generative- gestaltung.de www.portugaldospequenitos.pt

DESIGN gráfico & textos / ana paiva nº 2009103363 EMAIL: acpaiva@student.dei.uc.pt FONTes / Stella & ff din Tamanho / 220`` x 297 `, 35 PáGinas Papel / 120LB FINCH UNCOATED capa / 120LB FINCH UNCOATED Impressão/ OGAMI

www.processing.org www.paul-rand.com www.tipografos.net/portugal/sebastiao-rodrigues.htm www.typographyserved.com/gallery/Deconstruct/819736

MESTRADO EM DESIGN E MULTIMÉDIA DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA INFORMÁTICA FACULDADE DE CIÊNCIAS E TECNOLOGIA UNIVERSIDADE DE COIMBRA Ana Paiva / COPYRIGHT © 2011


MANUAL DE IDENTIDADE  

Proposta de Identidade Para o Portugal dos Pequenitos, em Coimbra.

Advertisement
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you